REGULAMENTO DE BOLSAS E BENEFÍCIOS PARA O ANO DE 2015

Save this PDF as:
Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "REGULAMENTO DE BOLSAS E BENEFÍCIOS PARA O ANO DE 2015"

Transcrição

1 REGULAMENTO DE BOLSAS E BENEFÍCIOS PARA O ANO DE 2015 Bacabal 2015

2 REGULAMENTO DE BOLSAS E BENEFÍCIOS DO OBJETIVO Art. 1º Este Regulamento estabelece as regras gerais do Programa de Bolsas e Benefícios da Faculdade de Parágrafo único; Regulamenta a concessão de bolsas ou benefícios nas mensalidades de alunos regularmente matriculados nos cursos de Pós-Graduação e Graduação em Administração, Enfermagem, Nutrição e Sistemas Para Internet da Faculdade de Educação de Bacabal, não sendo aplicáveis a outros cursos. DOS BENEFÍCIOS Art. 2º Os benefícios objeto do presente comportam, exclusivamente, parcelas regulares das semestralidades, não sendo aplicáveis naquelas decorrentes de matrícula, rematrícula, adaptação e/ou dependência, exceto no que concerne as bolsas EU SOU FEBAC! e IDADE SABEDORIA, citadas a seguir. 1º Para as bolsas: EU SOU FEBAC! e IDADE SABEDORIA, abrangerão rematrículas, caso ocorram no seu período de vigência. 2º Os benefícios só serão concedidos nas parcelas do mês subsequente à formalização da concessão do benefício, não existindo efeito retroativo. Art. 3º Os benefícios valerão, exclusivamente, para as mensalidades pagas até o dia do seu vencimento. Parágrafo único: As mensalidades quitadas após o prazo estabelecido, além de perderem o benefício previsto no regulamento ao qual se refere, serão acrescidas de multas e juros, conforme contratualmente previsto. Art. 4º Os benefícios vigerão durante o semestre letivo para o qual forem concedidos, cessando-se, automaticamente, ao final desse, independentemente de qualquer aviso ou comunicação.

3 1º O aluno interessado em obter a concessão de benefício deverá, no início de cada semestre letivo, observados os prazos estabelecidos, requerer nova inclusão em programa de bolsas ou benefícios, com documento comprobatório exigido para o programa. 2º O benefício concedido em um semestre letivo não se vincula a concessões anteriores e/ou posteriores. 3º O benefício deferido em um determinado semestre poderá ser indeferido em outro, bem como o percentual concedido poderá ser aumentado ou diminuído a cada nova concessão, sem que possa o aluno insurgir-se contra o procedimento, respeitando os programas e os requisitos dos mesmos. 4º Os benefícios concedidos pela Faculdade de Educação de Bacabal, quaisquer que sejam os percentuais, formas e requisitos, não são cumulativos. Art. 5º Os benefícios sempre serão aplicados sobre o valor original da parcela. DA CONCESSÃO Art, 6º Os alunos que estiverem inadimplentes com suas obrigações não poderão requerer a inclusão em programa de benefício, sendo que eventual pedido poderá ser indeferido de plano. Parágrafo único: O aluno somente voltará a ter o direito de pleitear a inclusão em programa de benefício quando lograr adimplir todas as pendências financeiras perante a Faculdade de Art. 7º Os bolsistas que forem reprovados no período letivo perderão o direito de requerer a inclusão em programa de benefício no semestre seguinte, sendo que o eventual pedido será submetido à avaliação e deferimento da Direção. Parágrafo único: O aluno somente voltará a ter o direito de pleitear a inclusão em programa de benefício quando lograr aprovação em todas as disciplinas nas quais tenha sido reprovado. DOS PERCENTUAIS UTILIZADOS NA CONCESSÃO DAS BOLSAS Art. 8º A Faculdade de Educação de Bacabal poderá deliberar livremente sobre os percentuais utilizados no seu Regulamento de Bolsas e Benefícios, não somente os estabelecidos na TABELA I, deste Regulamento.

4 DO REQUERIMENTO Art. 9º Os requerimentos para a inclusão em programas de concessão de benefícios deverão ser formalizados junto a Central de Atendimento, acompanhado de documentos hábeis a comprovar o atendimento pelo aluno dos requisitos do programa pretendido. 1º O bolsista ou beneficiário deverá, a cada início do semestre, (sempre na primeira quinzena de Janeiro e Julho), renovar seu requerimento para inclusão em programas de concessão de benefícios. 2º A resposta ao pedido será disponibilizada ao aluno no prazo de 15 dias úteis, a partir do pedido. DOS DOCUMENTOS COMPROBATÓRIOS Art. 10º Os processos somente serão analisados após a juntada dos documentos pertinentes, não sendo analisados processos com documentos faltantes ou com juntada de documentos que não os solicitados pela Faculdade de Educação de Bacabal, conforme os mencionados na TABELA I, deste Regulamento. DO CANCELAMENTO Art. 11 Os bolsistas que forem reprovados no período letivo perderão o direito de requerer a inclusão em programa de benefício no semestre seguinte, sendo que eventual pedido será indeferido. 1º: O aluno somente voltará a ter o direito de pleitear a inclusão em programa de benefício quando lograr aprovação em todas as disciplinas nas quais tenha sido reprovado. 2º Os alunos bolsistas do movimento Alfa e Ômega terão seus desempenhos, nas atividades do movimento, avaliados constantemente pela Direção Geral. Caso a Direção entender que a conduta ou o desempenho tenha sido insatisfatório, a bolsa poderá ser suspensa a qualquer momento. DAS DIPOSIÇÕES GERAIS Art. 12 Outras modalidades de bolsas e benefícios poderão vir a ser criada pela Menezes e Lacerda Ltda, mantenedora da Faculdade de Educação de Bacabal, em vista das necessidades sentidas, e terão seu funcionamento disciplinado em regulamento próprio.

5 Art. 13 A caracterização dos vários tipos da concessão de bolsas e benefícios e respectivas condições, constam na TABELA I do presente regulamento e que dele faz parte integrante. Art. 14 Este regulamento entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário. TABELA I QUADRO DE CONCESSÃO DE BOLSAS E BENEFÍCIOS TIPO DE BENEFÍCIO PORCENTAGEM DE BENEFÍCIO SOLICITAÇÃO MATRÍCULA ANTECIPADA Benefício de pagamento antecipado de matrícula (não é cumulativo com outras bolsas ou benefícios). Benefício de 25% para cursos de Benefício concedido automaticamente ao aluno que faça a quitação da taxa de matrícula até o dia 1º do mês de Janeiro ou Julho, de acordo com o semestre em referencia. PONTUALIDADE Benefício de pagamento antecipado de mensalidade (não é cumulativo com outras bolsas ou benefícios). Benefício de 20% para cursos de Graduação e 10% para cursos de Pós- Benefício concedido automaticamente ao aluno que faça a quitação da mensalidade escolar até o dia de seu vencimento. EU SOU FEBAC! Benefício para os candidatos que se destacaram no processo seletivo. Bolsa de 100% na matrícula e na mensalidade para o candidato que se destacou em primeiro lugar da classificação geral dos aprovados em listagem de todos os cursos. E bolsa de 50% na matrícula e na mensalidade para o candidato que se destacou em segundo lugar da classificação geral dos aprovados em listagem de todos os cursos. O benefício deferido será comunicado pela Comissão do Processo Seletivo FEBAC. Para manter este benefício o aluno deverá manter coeficiente de rendimento semestral maior ou igual a 8,0 (oito). BÔNUS AMIGO I Benefício para alunos que indicam outros a cursarem um dos cursos de graduação da Faculdade de Benefício de R$ 50,00 na segunda parcela da semestralidade escolar subsequente. O aluno deve solicitar na Central de Atendimento, informando o aluno indicado. O benefício só terá validade se o aluno indicado informou devidamente, no ato da inscrição do Processo Seletivo, o número da matrícula de quem o indicou. Além disso, o indicado deverá estar regulamente matriculado.

6 BÔNUS AMIGO II Benefício para alunos que indicam outros a cursarem o mesmo curso de Pós-Graduação na Faculdade de Benefício de 10% por amigo indicado e matriculado, a partir da 7ª parcela. O aluno deve solicitar a bolsa ou benefício na Secretaria da Pós- ALUNO DESTAQUE Benefício para os alunos com maior nota no coeficiente de rendimento escolar de cada curso. Acréscimo de 5% no valor do benefício concedido em outros programas que já esteja inserido. O benefício será comunicado pela Secretaria Acadêmica e incluso automaticamente na segunda parcela do semestre seguinte. EMPRESÁRIO PARCEIRO Benefício baseado em convênios firmados com pessoas jurídicas de direito publico ou privado, associações, entidades de classes, sindicatos, etc. O benefício está definido nos convênios ou acordos de cooperação, descritos na TABELA II. O aluno deve solicitar na Central de Atendimento, anexando à declaração original, expedida pela entidade, comprovando a qualidade de associado, em papel timbrado, devidamente assinado e carimbado. NOVOS RUMOS Benefício para profissionais ingressantes em vagas para graduados. Benefício de 25%. O aluno deve solicitar o beneficio na Central de Atendimento. ESCOLHA CERTA CURSANDO! Benefício para alunos ingressantes em vagas de transferência de outras instituições. Benefício de 25%. O aluno deve solicitar o beneficio na Central de Atendimento. ESCOLHA CERTA MATRICULANDO Isenção do pagamento da taxa de matrícula dos alunos ingressantes em vagas para transferência de outras instituições. Isenção da taxa de matrícula. No ato da matrícula, o aluno deve apresentar o comprovante de pagamento da taxa de matrícula na Instituição de Ensino de origem.

7 SEMPRE FEBAC I Benefício para alunos egressos de curso de Graduação da Faculdade de Educação de Bacabal e que queiram cursar um dos cursos de Graduação e Pós-Graduação da FEBAC. SEMPRE FEBAC II Benefício para alunos egressos de curso de Pós-Graduação da Faculdade de Educação de Bacabal e que queiram cursar outro curso de Pós- Benefício de 30% para o curso de Graduação escolhido. Benefício de 15% para o curso de Pós- Graduação escolhido Benefício de 20% No ato da matrícula, o aluno deve apresentar o diploma de Graduação emitido pela Faculdade de Educação de Bacabal. No ato da matrícula, o aluno deve apresentar o diploma de Pós-Graduação emitido pela Faculdade de Educação de Bacabal. SEMPRE FEBAC III Benefício para alunos que cursam dois cursos de Pós-Graduação simultaneamente na Faculdade de Benefício de 25% na segunda Pós- Graduação, enquanto a primeira estiver ativa. No ato da matrícula da segunda Pós-Graduação, o aluno deve solicitar o benefício. INCENTIVO À FAMÍLIA Benefício para alunos que tenham parentes matriculados na Faculdade de Educação de Bacabal. Benefício de 25% para todos os membros que tenham 1º grau de parentesco (pai, mãe, filho, filha, irmão, cônjuges). Todos os membros devem solicitar na Central de Atendimento, anexando os documentos: a) Cópia da carteira de identidade do grupo familiar; b) Certidão de casamento; c) Comprovante judicial de parentesco. IDADE SABEDORIA Bolsa para alunos que já tenham completado 50 anos de idade. Bolsa de 50%. O aluno deve solicitar na Central de Atendimento o benefício.

8 MONITORIA Benefício para alunos que prestam monitoria em disciplina especifica, conforme edital de convocação e regimento próprio para monitorias. Benefício de 30% inserido no período subsequente, somente nos meses ao que se referiu o período que foi a execução do programa. O aluno deve solicitar na Central de Atendimento, anexando a Declaração de monitoria expedida pela coordenação de curso específica, identificando o período de execução do programa. COLABORADOR FEBAC Benefício para colaboradores e dependentes que cursam um dos cursos de Graduação ou Pós- Graduação da Faculdade de ALFA E ÔMEGA Benefício para alunos da Faculdade de Educação de Bacabal que estejam coordenando as atividades do movimento Alfa e Ômega na faculdade. Benefício de 30% para cursos de Benefício de 50% para cursos de Pós- Benefício de 25% para cursos de O aluno deve solicitar a bolsa ou o benefício na Central de Atendimento. Benefício concedido automaticamente aos alunos que estejam coordenando as atividades do movimento Alfa e Ômega na faculdade. TABELA II BENEFÍCIO EMPRESÁRIO PARCEIRO RELAÇÃO DAS EMPRESAS E SEUS RESPECTIVOS BENEFÍCIOS EMPRESA PERCENTUAL DE BENEFÍCIO ESCOLA BATISTA Benefício de 32% para alunos que ingressaram na escola Batista desde o Jardim 1 até o término do ensino médio; Benefício de 30% para alunos que ingressaram na Escola Batista desde o 1º Ano do ensino fundamental até o término do ensino médio; Benefício de 27% para alunos que ingressaram na Escola Batista no 6º Ano do ensino fundamental até o término do ensino médio; Benefício de 25% para alunos que ingressaram na Escola Batista desde o 1º Ano do ensino médio até o término do ensino médio; Benefício de 30% para funcionários da Escola Batista que cursam algum curso de Graduação; Benefício de 50% para funcionários da Escola Batista que cursam algum curso de Pós-Graduação; Benefício de 30% para dependentes de funcionários da Escola Batista.

9 JAPAN MOTOS NOROESTE REVENMOTA SINDICATO DOS BANCÁRIOS SINDICATO DOS PROFESSORES

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSAS

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSAS REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSAS DO OBJETIVO Cláusula Primeira Estabelecer as regras gerais para a concessão de bolsas nas mensalidades de alunos regularmente matriculados na Universidade Guarulhos. DAS

Leia mais

DO OBJETIVO... 3 DOS DESCONTOS... 3 DA CONCESSÃO... 5 DOS PERCENTUAIS UTILIZADOS NA CONCESSÃO DAS BOLSAS... 5 DO REQUERIMENTO... 6

DO OBJETIVO... 3 DOS DESCONTOS... 3 DA CONCESSÃO... 5 DOS PERCENTUAIS UTILIZADOS NA CONCESSÃO DAS BOLSAS... 5 DO REQUERIMENTO... 6 REGULAMENTO PROGRAMA DE BOLSAS Instituto Cimas 1 SUMÁRIO DO OBJETIVO... 3 DOS DESCONTOS... 3 DA CONCESSÃO... 5 DOS PERCENTUAIS UTILIZADOS NA CONCESSÃO DAS BOLSAS... 5 DO REQUERIMENTO... 6 DOS DOCUMENTOS

Leia mais

FACULDADE DE EDUCAÇÃO DE BACABAL FEBAC Credenciamento MEC/Portaria: 472/07 Resolução 80/07

FACULDADE DE EDUCAÇÃO DE BACABAL FEBAC Credenciamento MEC/Portaria: 472/07 Resolução 80/07 BACABAL-MA 2012 FINANCIAMENTOS INSTITUCIONAIS 1.Financiamentos Externos 1.1 Financiamento Estudantil FIES Financiamento do Governo Federal, para os alunos que desejam cursar a Faculdade, mas não têm condições

Leia mais

RESOLUÇÃO nº 07/2014. Regulamenta o Programa Institucional De Descontos Financeiros - PIDF da Faculdade Fucapi (Instituto de Ensino Superior Fucapi)

RESOLUÇÃO nº 07/2014. Regulamenta o Programa Institucional De Descontos Financeiros - PIDF da Faculdade Fucapi (Instituto de Ensino Superior Fucapi) Regulamenta o Programa Institucional De Descontos Financeiros - PIDF da Faculdade Fucapi (Instituto de Ensino Superior Fucapi) O Presidente do CONSUP, no uso de suas atribuições regimentais, artigo 8 inciso

Leia mais

RELAÇÃO DOS BENEFÍCIOS CONCEDIDOS

RELAÇÃO DOS BENEFÍCIOS CONCEDIDOS RELAÇÃO DOS BENEFÍCIOS CONCEDIDOS 1. BOLSA FAMÍLIA 2. BOLSA EX-ALUNO 3. BOLSA FUNDAÇÃO 4. BOLSA P.B.H. 5. BOLSA SAAE 6. BOLSA SINPRO 7. BOLSA MEDALHA 8. BOLSA CONVENIO 9. DESCONTO ALUNOS MESMA EMPRESA

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDOS DA FACULDADE SÃO VICENTE CAPITULO I DO PROGRAMA

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDOS DA FACULDADE SÃO VICENTE CAPITULO I DO PROGRAMA FACULDADE SÃO VICENTE Mantenedora: Sociedade Educacional e Assistencial da Paróquia de Pão de Açúcar-Al TEL; FAX 82-3624-1862 E - mail: fasvipa@hotmail.com Portaria Nº 1.766/ 01 /11/2006 REGULAMENTO DO

Leia mais

1. DESCONTOS COMERCIAIS

1. DESCONTOS COMERCIAIS Resolução nº. 04/2015 Normatiza a Concessão de Descontos Institucionais nas Mensalidades de Graduação e, conforme determinado pela Campanha Nacional de Escolas da Comunidade - CNEC. A Diretora da Faculdade

Leia mais

ATO ESPECIAL Nº. 017/2012 Santarém, 29 de março de 2012.

ATO ESPECIAL Nº. 017/2012 Santarém, 29 de março de 2012. ATO ESPECIAL Nº. 017/2012 Santarém, 29 de março de 2012. O Diretor Geral das Faculdades Integradas do Tapajós FIT, no uso de suas atribuições legais e regimentais, e, CONSIDERANDO que as Faculdades Integradas

Leia mais

REGULAMENTO DO SETOR FINANCEIRO

REGULAMENTO DO SETOR FINANCEIRO 1 REGULAMENTO DO SETOR FINANCEIRO O Professor Dr. Marcus Vinícius Crepaldi, Diretor Geral da Faculdade de Tecnologia do Ipê FAIPE no uso das atribuições que lhe confere o Regimento Interno e, considerando

Leia mais

REGULAMENTO. Art. 1º - O Programa de inclusão educacional BOLSAS EDUCAR tem os seguintes objetivos:

REGULAMENTO. Art. 1º - O Programa de inclusão educacional BOLSAS EDUCAR tem os seguintes objetivos: REGULAMENTO I DO PROGRAMA Art. 1º - O Programa de inclusão educacional BOLSAS EDUCAR tem os seguintes objetivos: I incentivar a aderência ao Programa de indivíduos que atendam aos requisitos exigidos neste

Leia mais

Manual de Bolsas e Financiamentos Unimonte

Manual de Bolsas e Financiamentos Unimonte Manual de Bolsas e Financiamentos Unimonte 1. FINANCIAMENTOS 1.1. PRAVALER O Crédito Universitário PRAVALER é um programa privado de financiamento de graduação presencial implantado em parceria com instituições

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSAS INSTITUCIONAIS

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSAS INSTITUCIONAIS REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSAS INSTITUCIONAIS Cria o Programa Institucional de Bolsas de Graduação e Pós Graduação no âmbito da Faculdade de Castanhal, estabelece normas para concessão e dá outras providências.

Leia mais

ENSINO PROFISSIONALIZANTE, IDIOMAS E PREPARATÓRIO PARA CONCURSOS REGULAMENTO

ENSINO PROFISSIONALIZANTE, IDIOMAS E PREPARATÓRIO PARA CONCURSOS REGULAMENTO ENSINO PROFISSIONALIZANTE, IDIOMAS E PREPARATÓRIO PARA CONCURSOS REGULAMENTO 2014 Regulamento do Programa EDUCA MAIS BRASIL I DO PROGRAMA Art. 1.º - O Programa EDUCA MAIS BRASIL é um programa de INCLUSÃO

Leia mais

FUNDO DE APOIO AO ACADÊMICO DO ENSINO SUPERIOR REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DO FAAES - PARA INGRESSANTES SEGUNDO SEMESTRE 2014

FUNDO DE APOIO AO ACADÊMICO DO ENSINO SUPERIOR REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DO FAAES - PARA INGRESSANTES SEGUNDO SEMESTRE 2014 REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DO FAAES - PARA INGRESSANTES SEGUNDO SEMESTRE 2014 A AJES, mantenedora da Faculdade de Administração e Ciências Contábeis do Vale do Juruena, Instituto Superior de Educação do

Leia mais

PORTARIA-DG-010/2015 REGULAMENTA O CLUBE DO EGRESSO NO ÂMBITO DAS FACULDADES INTEGRADAS SANTA CRUZ DE CURITIBA (FARESC) Capítulo I

PORTARIA-DG-010/2015 REGULAMENTA O CLUBE DO EGRESSO NO ÂMBITO DAS FACULDADES INTEGRADAS SANTA CRUZ DE CURITIBA (FARESC) Capítulo I PORTARIA-DG-010/2015 REGULAMENTA O CLUBE DO EGRESSO NO ÂMBITO DAS FACULDADES INTEGRADAS SANTA CRUZ DE CURITIBA (FARESC) O Diretor Geral, no uso das atribuições que lhe confere o inciso XIII do artigo 12

Leia mais

PROGRAMA DE CRÉDITO EDUCATIVO - INVESTCREDE REGULAMENTO

PROGRAMA DE CRÉDITO EDUCATIVO - INVESTCREDE REGULAMENTO PROGRAMA DE CRÉDITO EDUCATIVO - INVESTCREDE 1. DAS INFORMAÇÕES GERAIS REGULAMENTO 1.1 - O presente regulamento objetiva a concessão de Crédito Educativo para estudantes devidamente Matriculados nos cursos

Leia mais

Colégio Ensitec Ensino Fundamental, Médio e Profissional

Colégio Ensitec Ensino Fundamental, Médio e Profissional EDITAL Nº01/2014 Dispõe sobre o Processo de Matrícula para os Cursos Técnicos concomitantes e subsequentes ao Ensino Médio: Administração Contabilidade Eletrônica Mecânica Mecatrônica Qualidade Segurança

Leia mais

Fies - (Fundo de Financiamento Estudantil)

Fies - (Fundo de Financiamento Estudantil) Fies - (Fundo de Financiamento Estudantil) 1 - O QUE É É um programa do Ministério da Educação destinado a financiar a graduação na educação superior de estudantes matriculados em instituições não gratuitas.

Leia mais

FACULDADE METROPOLITANA DE CAMAÇARI FAMEC

FACULDADE METROPOLITANA DE CAMAÇARI FAMEC REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDO FACULDADE METROPOLITANA DE CAMAÇARI FAMEC SUMÁRIO CAPÍTULO I... 1 DO PROGRAMA DE BOLSAS... 1 CAPÍTULO II... 1 DOS OBJETIVOS DO PROGRAMA... 1 CAPÍTULO III...

Leia mais

PROJETO EVEREST DAS DECISÕES

PROJETO EVEREST DAS DECISÕES PROJETO EVEREST I- HISTÓRICOS E OBJETIVOS DO PROJETO O Projeto Everest, da FACULDADE DOUTOR LEOCÁDIO JOSÉ CORREIA - FALEC, através de sua mantenedora, LAR ESCOLA LEOCÁDIO JOSÉ CORREIA, tem como meta, oportunizar

Leia mais

Candidatos aprovados no Vestibular In Company EAD 2015.2 Provas 17/07/2015 e 18/07/2015 nas seguintes condições:

Candidatos aprovados no Vestibular In Company EAD 2015.2 Provas 17/07/2015 e 18/07/2015 nas seguintes condições: 1. Objetivo Estabelecer diretrizes, critérios e condições para a concessão de bolsa de estudo aos candidatos aprovados com os melhores desempenhos dos cursos de Graduação EAD (exceto cursos Semipresenciais)

Leia mais

RESOLVE, TITULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

RESOLVE, TITULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES RESOLUÇÃO COP Nº 003/2015 REGULAMENTA AS CONDIÇÕES PARA CONCESSÃO E MANUTENÇÃO DAS MODALIDAES DE BOLSAS DE ESTUDO E DESCONTOS EDUCACIONAIS DA FACULDADE METROPOLITANA DE ANÁPOLIS O Presidente do Conselho

Leia mais

REGULAMENTO VESTIBULAR TOP EAD AGENDADO

REGULAMENTO VESTIBULAR TOP EAD AGENDADO REGULAMENTO VESTIBULAR TOP EAD AGENDADO 1. Objetivo Estabelecer diretrizes, critérios e condições para a concessão de bolsa parcial de estudo aos candidatos aprovados com os 8 (oito) melhores desempenhos

Leia mais

Candidatos aprovados do Vestibular 2015.1.1 (realizado em Dezembro/2014), nas seguintes condições:

Candidatos aprovados do Vestibular 2015.1.1 (realizado em Dezembro/2014), nas seguintes condições: 1. Objetivo Estabelecer diretrizes, critérios e condições para a concessão de bolsa parcial de estudo aos candidatos aprovados dos cursos Graduação (exceto os cursos do Polo de Fortaleza) no Vestibular

Leia mais

PROGRAMA PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDO GRADUAÇÃO - FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE VARGINHA REGULAMENTO

PROGRAMA PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDO GRADUAÇÃO - FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE VARGINHA REGULAMENTO PROGRAMA PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDO GRADUAÇÃO - FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE VARGINHA REGULAMENTO 1. DAS INFORMAÇÕES GERAIS: 1.1 O presente regulamento, baseado na Resolução nº 1/2006, disciplina o

Leia mais

Art. 2º Revoga-se antigos Regulamentos de Bolsas e Benefícios de semestres anteriores ao referido no caput desta Portaria.

Art. 2º Revoga-se antigos Regulamentos de Bolsas e Benefícios de semestres anteriores ao referido no caput desta Portaria. Diretoria Administrativa da Faculdade de Educação de Bacabal FEBAC PORTARIA Nº 002, DE 30 DE ABRIL DE 2014. Diretrizes para concessão de bolsas e benefícios para o segundo semestre letivo de 2014. O DIRETOR

Leia mais

UNIVERSIDADE METROPOLITANA DE SANTOS CAMPUS BANDEIRANTE I, II, III E IV

UNIVERSIDADE METROPOLITANA DE SANTOS CAMPUS BANDEIRANTE I, II, III E IV REGULAMENTO DE CONCESSÃO DE BOLSAS DE ESTUDOS A Reitora da Universidade Metropolitana de Santos, no uso de suas atribuições e cumprindo o que estabelece a Portaria MEC n 2, de 01 de fevereiro de 2012 e

Leia mais

Portaria Interna Nº. 153/15 São Paulo, 29 de abril de 2.015

Portaria Interna Nº. 153/15 São Paulo, 29 de abril de 2.015 Portaria Interna Nº. 153/15 São Paulo, 29 de abril de 2.015 Dispõe sobre os valores dos encargos educacionais para o 2º semestre de 2.015 da Faculdade de Vargem Grande Paulista FVGP. A Diretora da Faculdade

Leia mais

Assinatura: Data: Assinatura: Data: Nome: Depto.: Cargo: Assinatura: Data: Assinatura: Data: Nome: Depto.: Cargo: Assinatura: Data: Assinatura: Data:

Assinatura: Data: Assinatura: Data: Nome: Depto.: Cargo: Assinatura: Data: Assinatura: Data: Nome: Depto.: Cargo: Assinatura: Data: Assinatura: Data: Vestibular In Company 2015.2 Prova 11/09/2015, 12/09/2015 e Código do Documento UMK Nome do Documento Política de Concessão de Bolsa de Estudo para os alunos ingressantes através do Vestibular In Company

Leia mais

Crédito Estudantil Ibmec

Crédito Estudantil Ibmec Crédito Estudantil Ibmec Queremos receber bons estudantes e torná-los excelentes alunos. Olhando para o futuro, também queremos que eles sejam os melhores profissionais do mercado. Sabemos que ter uma

Leia mais

EDITAL Nº 02/2014, PROGEP/CDP/NUGCAP.

EDITAL Nº 02/2014, PROGEP/CDP/NUGCAP. EDITAL Nº 02/2014, PROGEP/CDP/NUGCAP. PROGRAMA DE APOIO FINANCEIRO PARA PARTICIPAÇÃO DOS SERVIDORES TÉCNICOS ADMINISTRATIVOS EM EDUCAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA EM CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO.

Leia mais

1. Objetivo. 2. Elegíveis

1. Objetivo. 2. Elegíveis 1. Objetivo Estabelecer diretrizes, critérios e condições para a concessão de bolsa de estudo para os candidatos participantes da Campanha Mérito ENEM 2016.1 dos cursos de Graduação Presencial (Graduação

Leia mais

PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDOS DESCONTOS FPE UNIPINHAL - 2016 OBJETIVO

PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDOS DESCONTOS FPE UNIPINHAL - 2016 OBJETIVO PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDOS DESCONTOS FPE UNIPINHAL - 2016 OBJETIVO O objetivo principal do programa de concessão de bolsas e descontos é proporcionar aos alunos a assistência necessária para a manutenção

Leia mais

EDITAL N o 06/2014-REITORIA, DE 05 DE MARÇO DE 2014

EDITAL N o 06/2014-REITORIA, DE 05 DE MARÇO DE 2014 Governo do Estado do Ceará Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior Universidade Estadual do Ceará REITORIA EDITAL N o 06/2014-REITORIA, DE 05 DE MARÇO DE 2014 Estabelece as normas e fixa

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO PROCESSO SELETIVO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO PROCESSO SELETIVO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO PROCESSO SELETIVO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO O Reitor da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, no uso de

Leia mais

POLÍTICA DE BENEFÍCIOS E CONVÊNIOS PARA A UNIDADE UNESC SERRA ES VIGÊNCIA A PARTIR DE 2015/1

POLÍTICA DE BENEFÍCIOS E CONVÊNIOS PARA A UNIDADE UNESC SERRA ES VIGÊNCIA A PARTIR DE 2015/1 POLÍTICA DE BENEFÍCIOS E CONVÊNIOS PARA A UNIDADE UNESC SERRA ES VIGÊNCIA A PARTIR DE 2015/1 1. FIES O Fundo de Financiamento Estudantil (FIES) é um programa do Ministério da Educação destinado a financiar

Leia mais

ASSOCIAÇÃO EDUCATIVA EVANGÉLICA

ASSOCIAÇÃO EDUCATIVA EVANGÉLICA PORTARIA nº. 004 Presidência AEE Biênio 2012-2014, de 27 de abril de 2012. Normatiza concessão da bolsa filantropia e descontos no âmbito da Associação educativa Evangélica. O Presidente da Associação

Leia mais

Associação Paranaense de Cultura Centro de Educação Profissional Marista Pio XII EDITAL N.º 02/2013

Associação Paranaense de Cultura Centro de Educação Profissional Marista Pio XII EDITAL N.º 02/2013 EDITAL N.º 02/2013 Dispõe sobre o Processo de Matrícula para os Cursos Técnicos, Concomitantes e Subsequentes ao Ensino Médio para a unidade de Ponta Grossa: Administração Contabilidade Logística Recursos

Leia mais

1)O interesse comum de manter, aprofundar e desenvolver em conjunto atividades de ensino, científicas, técnicas, culturais e comunitárias;

1)O interesse comum de manter, aprofundar e desenvolver em conjunto atividades de ensino, científicas, técnicas, culturais e comunitárias; INSTRUMENTO PARTICULAR DE CONVÊNIO ENTRE A UNIVERSIDADE GUARULHOS - UnG E A ASSOCIAÇÃO DOS EMPRESÁRIOS DE CUMBICA ASEC A Universidade Guarulhos - UnG, com o CNPJ nº 49.094.048/0002-86, Situada a Praça

Leia mais

Edital Nº 08/2013 UNDB Processo Seletivo para Ingresso por Transferência Externa e Graduado DIVULGAÇÃO DAS NORMAS DO PROCESSO SELETIVO

Edital Nº 08/2013 UNDB Processo Seletivo para Ingresso por Transferência Externa e Graduado DIVULGAÇÃO DAS NORMAS DO PROCESSO SELETIVO A Unidade de Ensino Superior Dom Bosco - UNDB, por meio da Diretoria Executiva, torna público o presente Edital, contendo as normas, rotinas e procedimentos que regem o Processo Seletivo para Transferência

Leia mais

RESOLUÇÃO FAMES 09/2010

RESOLUÇÃO FAMES 09/2010 Dispõe sobre as formas de ingresso e sobre o Processo Seletivo para admissão de alunos nos cursos de graduação, na Faculdade de Música do Espírito Santo Maurício de Oliveira. RESOLUÇÃO FAMES 09/2010 O

Leia mais

Educa Mais Brasil REGULAMENTO

Educa Mais Brasil REGULAMENTO Educa Mais Brasil REGULAMENTO 2015 Regulamento do Programa EDUCA MAIS BRASIL I DO PROGRAMA Art. 1.º - O Programa EDUCA MAIS BRASIL é um programa de INCLUSÃO EDUCACIONAL e tem por objetivos: I estimular

Leia mais

PORTARIA UNIDA Nº. 15/2015, de 18 de Julho de 2015.

PORTARIA UNIDA Nº. 15/2015, de 18 de Julho de 2015. PORTARIA UNIDA Nº. 15/2015, de 18 de Julho de 2015. O Diretor Geral da Faculdade Unida de Vitória, no uso das atribuições conferidas pelo Regimento Interno resolve regulamentar os procedimentos gerais

Leia mais

PROGRAMA DE BOLSAS UNIVESP BOLSAS DE APOIO ACADÊMICO E TECNOLÓGICO

PROGRAMA DE BOLSAS UNIVESP BOLSAS DE APOIO ACADÊMICO E TECNOLÓGICO BOLSAS DE APOIO ACADÊMICO E TECNOLÓGICO Normas e Procedimentos 1. DISPOSIÇÕES GERAIS A UNIVESP instituiu, por deliberação de seu Conselho de Curadores, o PROGRAMA DE BOLSAS UNIVESP, com as características

Leia mais

Regulamento. Campanha Indique Um Amigo

Regulamento. Campanha Indique Um Amigo Regulamento Campanha Indique Um Amigo 1. DA PROMOÇÃO: 1.1. "Campanha Indique um Amigo" é um programa de ingresso de alunos via indicação na forma estipulada no presente Regulamento, promovido pelo Centro

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU 2º SEMESTRE/2015

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU 2º SEMESTRE/2015 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU 2º SEMESTRE/2015 ABERTURA A Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getulio Vargas (FGV DIREITO SP) torna pública a abertura das inscrições

Leia mais

EDITAL Nº 02/2013. Dispõe sobre o Processo de Matrícula para os Cursos Técnicos, concomitantes e subsequentes ao Ensino Médio:

EDITAL Nº 02/2013. Dispõe sobre o Processo de Matrícula para os Cursos Técnicos, concomitantes e subsequentes ao Ensino Médio: EDITAL Nº 02/2013 Dispõe sobre o Processo de Matrícula para os Cursos Técnicos, concomitantes e subsequentes ao Ensino Médio: Administração Contabilidade Eletrônica Mecânica Mecatrônica Qualidade Segurança

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO PROCESSO SELETIVO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO PROCESSO SELETIVO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO PROCESSO SELETIVO PARA PROFESSOR SUBSTITUTO O Reitor da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, no uso de

Leia mais

Art. 18º. Cabe ao Aluno Beneficiado:

Art. 18º. Cabe ao Aluno Beneficiado: SISTEMA DE INCLUSÃO EDUCACIONAL ESTUDE JÁ BRASIL REGULAMENTO I DO SISTEMA Art. 1. - O ESTUDE JÁ BRASIL é um sistema de INCLUSÃO EDUCACIONAL e tem por objetivos: I incentivar o cadastramento de cidadãos

Leia mais

D O N D O M Ê N I C O

D O N D O M Ê N I C O FACULDADE DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIAS E LETRAS DON DOMÊNICO. REGULAMENTO PARA CONCESSÃO E RENOVAÇÃO DE BOLSAS 2014-1 Art. 1º - Fica instituído o Regulamento para concessão de bolsas de estudo aos alunos da Don

Leia mais

REGULAMENTO DO SETOR FINANCEIRO DA FAP

REGULAMENTO DO SETOR FINANCEIRO DA FAP REGULAMENTO DO SETOR FINANCEIRO DA FAP O Departamento Financeiro da Fap Faculdade de Apucarana, é responsável por todos os controles financeiros da Instituição (Contas a Pagar, a Receber, Banco, Caixa),

Leia mais

CredIES IESB: a melhor alternativa para você. CRÉDITO ESTUDANTIL DO IESB CREDIES IESB MANUAL DO ALUNO

CredIES IESB: a melhor alternativa para você. CRÉDITO ESTUDANTIL DO IESB CREDIES IESB MANUAL DO ALUNO CredIES IESB: a melhor alternativa para você. CRÉDITO ESTUDANTIL DO IESB CREDIES IESB MANUAL DO ALUNO O que é o CredIes do IESB? É um crédito rotativo estudantil financiado por verbas orçamentárias próprias

Leia mais

Manual. O que é o CISNE Finan? Como funciona o CISNE Finan? Qual a abrangência do crédito? Quais os benefícios do CISNE Finan?

Manual. O que é o CISNE Finan? Como funciona o CISNE Finan? Qual a abrangência do crédito? Quais os benefícios do CISNE Finan? Manual O que é o CISNE Finan? É um crédito rotativo estudantil financiado por verbas orçamentárias próprias da CISNE que possibilita ao aluno regularmente matriculado pagar 50% da mensalidade durante seus

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CURSOS DE CURTA DURAÇÃO 2º SEMESTRE/2015

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CURSOS DE CURTA DURAÇÃO 2º SEMESTRE/2015 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CURSOS DE CURTA DURAÇÃO 2º SEMESTRE/2015 ABERTURA A Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getulio Vargas (FGV DIREITO SP) torna pública a abertura das inscrições para os

Leia mais

1. Objetivo. 2. Elegíveis

1. Objetivo. 2. Elegíveis 1. Objetivo Estabelecer diretrizes, critérios e condições para a concessão de bolsa integral das mensalidades para cursar 1 (um) semestre, por meio de intercâmbio em uma das instituições de Ensino Superior

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CURSOS DE CURTA DURAÇÃO 2º SEMESTRE/2015

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CURSOS DE CURTA DURAÇÃO 2º SEMESTRE/2015 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CURSOS DE CURTA DURAÇÃO 2º SEMESTRE/2015 ABERTURA A Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getulio Vargas (FGV DIREITO SP) torna pública a abertura das inscrições para os

Leia mais

ABRE INSCRIÇÕES PARA O PROCESSO DE SELEÇÃO PARA A PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

ABRE INSCRIÇÕES PARA O PROCESSO DE SELEÇÃO PARA A PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EDITAL NPL 2/2014 ABRE INSCRIÇÕES PARA O PROCESSO DE SELEÇÃO PARA A PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM MEDICINA DO TRABALHO, NOS CAMPI BRAGANÇA PAULISTA, ITATIBA E CAMPINAS UNIDADE CAMBUÍ, DA UNIVERSIDADE SÃO

Leia mais

Regulamento de Bolsas de Estudo. Centro Universitário FECAP. Av. da Liberdade 532 Liberdade São Paulo, SP 01502001 www.fecap.br

Regulamento de Bolsas de Estudo. Centro Universitário FECAP. Av. da Liberdade 532 Liberdade São Paulo, SP 01502001 www.fecap.br Regulamento de Bolsas de Estudo Centro Universitário FECAP Av. da Liberdade 532 Liberdade São Paulo, SP 01502001 www.fecap.br 1 1 DISPOSIÇÕES GERAIS 1.1 O Centro Universitário FECAP (doravante denominado

Leia mais

E D I T A L. 2º A taxa de inscrição para o Processo Seletivo do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em

E D I T A L. 2º A taxa de inscrição para o Processo Seletivo do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em EDITAL NPL 4/2015 ABRE INSCRIÇÕES PARA O PROCESSO DE SELEÇÃO PARA O CURSO DE PÓS- GRADUAÇÃO LATO SENSU EM SAÚDE MENTAL, NO CAMPUS BRAGANÇA PAULISTA DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO USF NO 2º SEMESTRE DE 2015.

Leia mais

PROVIMENTO Nº 031/2015 GR

PROVIMENTO Nº 031/2015 GR PROVIMENTO Nº 031/2015 GR O REITOR EM EXERCÍCIO DA UNIVERSIDADE REGIONAL DO CARIRI URCA, no uso das atribuições que lhe confere o Art. 15, inciso XIII do Estatuto desta Universidade, aprovado pelo Decreto

Leia mais

1. CURSOS / ATOS LEGAIS / TURNOS / VAGAS. Administração¹ Linha de Formação em Marketing e Entretenimento. Comunicação Social¹ com Habilitação em

1. CURSOS / ATOS LEGAIS / TURNOS / VAGAS. Administração¹ Linha de Formação em Marketing e Entretenimento. Comunicação Social¹ com Habilitação em Edital de Convocação para Ingresso nos cursos da Graduação em 2013/2 através de Transferência Interna de Curso e Transferência Externa entre Faculdades A Diretora Geral da Escola Superior de Propaganda

Leia mais

RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA - 1º SEMESTRE DE 2015

RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA - 1º SEMESTRE DE 2015 RENOVAÇÃO DE MATRÍCULA - 1º SEMESTRE DE 2015 ORIENTAÇÕES GERAIS Processo O processo de renovação de matrícula constitui-se de três etapas válidas para todos os alunos veteranos dos cursos de graduação:

Leia mais

1.3. Sobre as semestralidades a serem custeadas com recursos do FIESP incidirão os descontos de pontualidade previstos à época do pagamento.

1.3. Sobre as semestralidades a serem custeadas com recursos do FIESP incidirão os descontos de pontualidade previstos à época do pagamento. 1. DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES: 1.1. O Crédito Educativo Estudantil Projeção - FIESP é um programa privado de concessão de crédito estudantil, desenvolvido pelas Faculdades Projeção, destinado a custear

Leia mais

E D I T A L. 1º O curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Psicopedagogia - Clínica e Institucional é destinado a graduados em Diploma de Curso Superior.

E D I T A L. 1º O curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Psicopedagogia - Clínica e Institucional é destinado a graduados em Diploma de Curso Superior. EDITAL NPL 10/2016 ABRE INSCRIÇÕES PARA O PROCESSO DE SELEÇÃO PARA O CURSO DE PÓS- GRADUAÇÃO LATO SENSU EM PSICOPEDAGOGIA CLÍNICA E INSTITUCIONAL, NO CAMPUS CAMPINAS - UNIDADE CAMBUÍ DA UNIVERSIDADE SÃO

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA/FUNDAÇÃO UNITINS/GRE/N 004/2012.

INSTRUÇÃO NORMATIVA/FUNDAÇÃO UNITINS/GRE/N 004/2012. INSTRUÇÃO NORMATIVA/FUNDAÇÃO UNITINS/GRE/N 004/2012. Normatiza, no âmbito da Pró- Reitoria de Graduação, o aproveitamento de estudos para os Cursos de Graduação da Unitins. O REITOR DA FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA/FUNDAÇÃO UNITINS/GRE/N 005/2012

INSTRUÇÃO NORMATIVA/FUNDAÇÃO UNITINS/GRE/N 005/2012 INSTRUÇÃO NORMATIVA/FUNDAÇÃO UNITINS/GRE/N 005/2012 Aprovada pela RESOLUÇÃO CONSUNI/Nº 017/2012, Publicada no DIÁRIO OFICIAL DO ESTADO DO TO, Nº 3.670,no dia 13 de julho de 2012. Normatiza, no âmbito da

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA RENOVAÇÃO DE MATRÍCULAS ONLINE (REMATRÍCULAS) O período oficial de rematrículas será de 17/12/2014 a 07/01/2015.

ORIENTAÇÕES PARA RENOVAÇÃO DE MATRÍCULAS ONLINE (REMATRÍCULAS) O período oficial de rematrículas será de 17/12/2014 a 07/01/2015. ORIENTAÇÕES PARA RENOVAÇÃO DE MATRÍCULAS ONLINE (REMATRÍCULAS) O período oficial de rematrículas será de 17/12/2014 a 07/01/2015. Ao realizar a matrícula online, através do portal acadêmico do aluno, o

Leia mais

PORTARIA CNMP-PRESI Nº 78, DE 9 DE JULHO DE 2015.

PORTARIA CNMP-PRESI Nº 78, DE 9 DE JULHO DE 2015. PORTARIA CNMP-PRESI Nº 78, DE 9 DE JULHO DE 2015. Dispõe sobre o Plano de Incentivo ao Estudo de Idioma Estrangeiro - PLI, do Conselho Nacional do Ministério Público. O PRESIDENTE DO CONSELHO NACIONAL

Leia mais

SUA EMPRESA CONVÊNIADA COM A UNICAMPO

SUA EMPRESA CONVÊNIADA COM A UNICAMPO SUA EMPRESA CONVÊNIADA COM A UNICAMPO Objetivo: Incentivar a busca do ensino superior através de descontos ofertados pelo convênio estudantil UNICAMPO, que objetiva conveniar empresas, independente de

Leia mais

E D I T A L. 1º Para os casos de transferência externa serão aceitas, apenas, as inscrições para áreas afins.

E D I T A L. 1º Para os casos de transferência externa serão aceitas, apenas, as inscrições para áreas afins. EDITAL NRCA-SJP N.º 09/2015 DISPÕE SOBRE OS PROCESSOS DE INGRESSO POR TRANSFERÊNCIA EXTERNA E PORTADOR DE DIPLOMA AOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE FAE SÃO JOSÉ DOS PINHAIS. O Coordenador do Núcleo

Leia mais

Técnico em Administração

Técnico em Administração CENTRO DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL UNIFAMMATEC EDITAL 04/2014 A Diretora Geral da UNIFAMMATEC Centro de Educação Profissional, Instituição de Ensino mantida pela UNIFAMMA União da Faculdades Metropolitanas

Leia mais

ASSITÊNCIA ESTUDANTIL

ASSITÊNCIA ESTUDANTIL ASSITÊNCIA ESTUDANTIL Apoio ao Acadêmico A Assistência Estudantil da FAMEC tem a missão de apoiar o acadêmico na busca de soluções e oportunidades que contribuam para sua permanência na faculdade e conclusão

Leia mais

EDITAL FATEC MAUÁ Nº 02/2015 DE 01 DE JUNHO DE 2015.

EDITAL FATEC MAUÁ Nº 02/2015 DE 01 DE JUNHO DE 2015. EDITAL FATEC MAUÁ Nº 02/2015 DE 01 DE JUNHO DE 2015. O Diretor da Fatec-Mauá - Faculdade de Tecnologia de Mauá, no uso de suas atribuições legais, faz saber que estão abertas inscrições para participação

Leia mais

Política de Bolsas e Financiamentos

Política de Bolsas e Financiamentos Política de Bolsas e Financiamentos Queremos receber bons estudantes e torná-los excelentes alunos. Olhando para o futuro, também queremos que eles sejam os melhores profissionais do mercado. Sabemos que

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO CENTRO DE EDUCAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO CENTRO DE EDUCAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO ISENÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO DO PROCESSO SELETIVO PARA O CURSO DE MESTRADO - 2014/2015 A Universidade Federal do Espírito Santo, representada pelo Programa de Pós-Graduação em Educação do Centro de Educação

Leia mais

COMUNICADO. Assunto: Bolsas de Estudos 2015

COMUNICADO. Assunto: Bolsas de Estudos 2015 COMUNICADO Assunto: Bolsas de Estudos 2015 O Colégio Franciscano Santa Clara informa os critérios para concorrer à bolsa de estudos 2015, aos candidatos que cumprirem com as seguintes condições: 1º Requisitos:

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE BOLSAS INTEGRAIS DE ESTUDOS NA FACULDADE DO VALE DO JAGUARIBE.

EDITAL DE SELEÇÃO DE BOLSAS INTEGRAIS DE ESTUDOS NA FACULDADE DO VALE DO JAGUARIBE. EDITAL DE SELEÇÃO DE BOLSAS INTEGRAIS DE ESTUDOS NA FACULDADE DO VALE DO JAGUARIBE. Edital 01/2014/COMISA A Prefeitura Municipal de Aracati e a Secretaria Municipal de Educação de Aracati, por meio da

Leia mais

INFORMATIVO EDUCAR PROCEDIMENTOS PARA NOVOS CONTRATOS E ADITAMENTOS

INFORMATIVO EDUCAR PROCEDIMENTOS PARA NOVOS CONTRATOS E ADITAMENTOS INFORMATIVO EDUCAR PROCEDIMENTOS PARA NOVOS CONTRATOS E ADITAMENTOS Programação 1. Depois de efetuada a matrícula, a Faculdade informará ao Instituto Educar, a relação dos alunos novos que fizeram adesão

Leia mais

Ministério da Educação Universidade Federal de São Paulo Secretaria de Gestão com Pessoas SEGESPE

Ministério da Educação Universidade Federal de São Paulo Secretaria de Gestão com Pessoas SEGESPE PROGRAMA DE INCENTIVO À QUALIFICAÇÃO PARA BOLSA AUXILIO GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO (Lato Sensu e Stricto Sensu), EM CONFORMIDADE COM A LEI 11.091 DE 12 DE JANEIRO DE 2005 E DECRETO 5.707 DE 23 DE FEVEREIRO

Leia mais

REGULAMENTO PARA CONCESSÃO, RENOVAÇÃO, EXTENSÃO E CANCELAMENTO DE BOLSAS/TAXAS PARA OS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU

REGULAMENTO PARA CONCESSÃO, RENOVAÇÃO, EXTENSÃO E CANCELAMENTO DE BOLSAS/TAXAS PARA OS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU REGULAMENTO PARA CONCESSÃO, RENOVAÇÃO, EXTENSÃO E CANCELAMENTO DE BOLSAS/TAXAS PARA OS PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU (Em conformidade com a Portaria CAPES n. 181, de 18 de dezembro de 2012 e

Leia mais

Faculdade de Tecnologia de Carapicuíba

Faculdade de Tecnologia de Carapicuíba Faculdade de Tecnologia de Carapicuíba Edital de Abertura n. 05/11 para Inscrições para Transferência Externa, do 1.º Semestre de 12, para os cursos da Fatec de Carapicuíba. A Faculdade de Tecnologia de

Leia mais

REGULAMENTO FINANCEIRO DA FITO

REGULAMENTO FINANCEIRO DA FITO REGULAMENTO FINANCEIRO DA FITO DOS CONTRATANTES Art. 1º - Pela matrícula, a Fundação Instituto Tecnológico de Osasco, doravante denominada FITO e o Aluno e/ou Responsável Financeiro estabelecem recíprocos

Leia mais

PROGRAMA DE INCENTIVO À QUALIFICAÇÃO PARA BOLSA-AUXÍLIO GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO

PROGRAMA DE INCENTIVO À QUALIFICAÇÃO PARA BOLSA-AUXÍLIO GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE INCENTIVO À QUALIFICAÇÃO PARA BOLSA-AUXÍLIO GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO (Lato Sensu e Stricto Sensu), EM CONFORMIDADE COM A LEI 11.091 DE 12 DE JANEIRO DE 2005 E DECRETO 5.707 DE 23 DE FEVEREIRO

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ EDITAL Nº 001/2015, DE 05 DE MAIO DE 2015 CAMPUS AVANÇADO DIRCEU ARCOVERDE/IFPI Dispõe processo seletivo de candidatos para ingresso nos cursos de formação inicial e continuada (FIC) em Cadista para a

Leia mais

Art. 2º Este Ato Administrativo entra em vigor na data de sua assinatura, revogadas as disposições em contrário.

Art. 2º Este Ato Administrativo entra em vigor na data de sua assinatura, revogadas as disposições em contrário. ATO ADMINISTRATIVO REITORIA Nº 45/2015 Aprova o Edital do Processo Seletivo do Programa de Integralização de Créditos para a Conclusão do Curso Superior de Teologia Vestibular 1º semestre de 2016 O REITOR

Leia mais

FACULDADE PROCESSUS REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

FACULDADE PROCESSUS REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU FACULDADE PROCESSUS REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU 0 ÍNDICE NATUREZA E FINALIDADE 2 COORDENAÇÃO DOS CURSOS 2 COORDENAÇÃO DIDÁTICA 2 COORDENADOR DE CURSO 2 ADMISSÃO AOS CURSOS 3 NÚMERO

Leia mais

FIESP FINANCIAMENTO ESTUDANTIL PROJEÇÃO (2015/1)

FIESP FINANCIAMENTO ESTUDANTIL PROJEÇÃO (2015/1) FIESP FINANCIAMENTO ESTUDANTIL PROJEÇÃO (2015/1) 1. DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES: 1.1. O Financiamento Estudantil Projeção - FIESP é um programa privado de financiamento, desenvolvido pelas Faculdades

Leia mais

Política de Bolsas e Financiamentos

Política de Bolsas e Financiamentos Política de Bolsas e Financiamentos Queremos receber bons estudantes e torná-los excelentes alunos. Olhando para o futuro, também queremos que eles sejam os melhores profissionais do mercado. Sabemos que

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA CADASTRAMENTO DE CONVÊNIO

ORIENTAÇÕES PARA CADASTRAMENTO DE CONVÊNIO ORIENTAÇÕES PARA CADASTRAMENTO DE CONVÊNIO Prezado parceiro, Agradecemos o seu interesse em se tornar uma empresa conveniada à Universidade Castelo Branco. Para prosseguirmos com o cadastramento, serão

Leia mais

Regulamento do Programa de Bolsas de Estudos da Faculdade de Tecnologia Bandeirantes

Regulamento do Programa de Bolsas de Estudos da Faculdade de Tecnologia Bandeirantes Regulamento do Programa de Bolsas de Estudos da Faculdade de Tecnologia Bandeirantes Art.1º. O presente regulamento disciplina o processo de inscrição e seleção de candidatos para o Programa de Bolsa de

Leia mais

PROJETO DE RESOLUÇÃO nº 107, de 21 de dezembro de 2012.

PROJETO DE RESOLUÇÃO nº 107, de 21 de dezembro de 2012. PROJETO DE RESOLUÇÃO nº 107, de 21 de dezembro de 2012. Regulamenta o aproveitamento e equivalência de estudos. Elson Rogério Bastos Pereira, Reitor da Universidade do Planalto Catarinense UNIPLAC, no

Leia mais

REGULAMENTO DE BOLSAS DE ESTUDOS. Faculdade de Direito de Alta Floresta FADAF

REGULAMENTO DE BOLSAS DE ESTUDOS. Faculdade de Direito de Alta Floresta FADAF REGULAMENTO DE BOLSAS DE ESTUDOS Faculdade de Direito de Alta Floresta FADAF 2011 SUMÁRIO CAPÍTULO I... 3 DO PROGRAMA DE BOLSAS... 3 CAPÍTULO II... 3 DOS OBJETIVOS DO PROGRAMA... 3 CAPÍTULO III... 3 DAS

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSA DE ESTUDO INGRESSO 2014/1 DA FACULDADE ARTHUR THOMAS CAPÍTULO I DO PROGRAMA

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSA DE ESTUDO INGRESSO 2014/1 DA FACULDADE ARTHUR THOMAS CAPÍTULO I DO PROGRAMA REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSA DE ESTUDO INGRESSO 2014/1 DA FACULDADE ARTHUR THOMAS CAPÍTULO I DO PROGRAMA Art. 1º. O presente Regulamento disciplina o processo de seleção, concessão, manutenção e acompanhamento

Leia mais

Resolução N 0 06/2010 Edital de Ingresso 1º Semestre de 2011

Resolução N 0 06/2010 Edital de Ingresso 1º Semestre de 2011 Universidade Federal de Campina grande CENTRO DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA UNIDADE ACADÊMICA DE ENGENHARIA QUÍMICA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO Resolução N 0 06/2010 Edital de Ingresso 1º Semestre de 2011 O Colegiado

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO PADRE ANCHIETA - UNIANCHIETA PROGRAMA BOLSAS IBERO-AMERICANAS - SANTANDER UNIVERSIDADES

CENTRO UNIVERSITÁRIO PADRE ANCHIETA - UNIANCHIETA PROGRAMA BOLSAS IBERO-AMERICANAS - SANTANDER UNIVERSIDADES CENTRO UNIVERSITÁRIO PADRE ANCHIETA - UNIANCHIETA PROGRAMA BOLSAS IBERO-AMERICANAS - SANTANDER UNIVERSIDADES EDITAL Nº 003/2014 O CENTRO UNIVERSITÁRIO PADRE ANCHIETA, por intermediário da Diretoria de

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDOS DA FDV CURSO DE GRADUAÇÃO DE DIREITO

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDOS DA FDV CURSO DE GRADUAÇÃO DE DIREITO REGULAMENTO DO PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDOS DA FDV CURSO DE GRADUAÇÃO DE DIREITO [Em vigor para os ingressos a partir de 2009/02] Aprovado pelo Conselho Acadêmico em 06 de agosto de 2009 APRESENTAÇÃO

Leia mais

REGULAMENTO PROGRAMA DE MONITORIA

REGULAMENTO PROGRAMA DE MONITORIA REGULAMENTO PROGRAMA DE MONITORIA BARRETOS 2010 REGULAMENTO PROGRAMA DE MONITORIA Art. 1 - O Programa de Monitoria da Faculdade Barretos, destinado a alunos regularmente matriculados, obedecerá às normas

Leia mais

REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDO - UNISUL

REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDO - UNISUL REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE BOLSA DE ESTUDO - UNISUL A Diretoria do Sindicato dos Professores e Auxiliares e Administração Escolar de Tubarão e Capivari de Baixo, no uso das atribuições que lhe são conferidas

Leia mais

REGULAMENTO DE APROVEITAMENTO DE ESTUDOS GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO

REGULAMENTO DE APROVEITAMENTO DE ESTUDOS GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO REGULAMENTO DE APROVEITAMENTO DE ESTUDOS GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO MAIO / 2015 REGULAMENTO DE APROVEITAMENTO DE ESTUDOS Art. 1º: Aproveitamento de estudos é o resultado do reconhecimento da equivalência

Leia mais