Professor: Luciano Antunes

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Professor: Luciano Antunes"

Transcrição

1 Computação na Nuvem (Cloud Computing) Armazenamento de dados na Nuvem (Cloud Storage). Professor: Luciano Antunes

2 Computação em Nuvens (Cloud Computing) O que é? A internet é representada em diagramas de rede como uma nuvem!

3 Computação em Nuvens (Cloud Computing) Função Cortar custos operacionais em empresas e permitir aos departamentos de TI maior atenção em projetos que pensar no data center.

4 Computação em Nuvens (Cloud Computing) Utilização da Internet: Pesquisas, jogos, compras, s, comunicação, estudo, etc. Armazenamento de dados, utilização de serviços, softwares, etc.

5 Computação em Nuvens (Cloud Computing) Estados Unidos Déc.60 - Rede de computadores do governo. Preocupação: vazamento de informações (Guerra Fria). Solução: Nova era de dados Internet (Protocolo TCP/IP). Visualizar textos e transferir arquivos (FTP), download e upload.

6 Mundo Déc.90 Computação em Nuvens (Cloud Computing) Interfaces Gráficas nos S.O. s. Visualização de imagens, ouvir sons e assistir videos. Utilização de Navegadores (Browsers). Desenvolvimento da Conexão em Alta velocidade (Banda Larga). Softwares para internet sem instalação.

7 Mundo moderno: Portabilidade Mobilidade Informação valorizada Computação em Nuvens (Cloud Computing) Computador não potente ou não ter grande capacidade de armazenamento. Informação em tempo real através da internet.

8 Computação em Nuvens (Cloud Computing) Pen Drive não mais carrega e armazena arquivos. Armazenamento de dados nas nuvens em discos virtuais. Acesso de informações de qualquer ponto (Host) celular, netbook, tablet, Ipad, etc. Necessita de uma conexão com a internet.

9 Cloud Computing Computação em Nuvem Utiliza: Computadores e servidores compartilhados e espalhados no mundo todo em grandes centrais de armazenamento de dados.

10 Processamento da Nuvem Dados armazenados e manipulados em servidores em empresas DATA CENTERS. (DATA CENTERS Centrais de processamento e armazenamento de dados nas nuvens, ou seja, conjunto de servidores onde o aplicativo é armazenado).

11 Processamento da Nuvem Dados armazenados e manipulados em servidores em empresas DATA CENTERS. (DATA CENTERS Centrais de processamento e armazenamento de dados nas nuvens, ou seja, conjunto de servidores onde o aplicativo é armazenado).

12 Computação em Nuvens (Cloud Computing) Aplicações: Webmail (Hotmail, Gmail, Yahoo Mail). Discos virtuais. Sites de armazenamento e compartilhamento de fotos ou videos (Flickr e Youtube). Aplicações ilimitadas, executa praticamente todos os programas que um computador normal rodaria.

13 Computação em Nuvens (Cloud Computing) Vantagens: Aplicações gratuitas, podendo pagar por serviços como por exemplo armazenamento em discos virtuais (Storage).

14 Computação em Nuvens (Cloud Computing) Vantagens: Tem como vantagem utilizar softwares sem precisar instalar no computador. Menor gastos com licenças de softwares como sistemas operacionais e aplicativos Microsoft por máquina.

15 Computação em Nuvens (Cloud Computing) Vantagens: Redução de custos Menor gastos com energia. Menor gasto com espaço físico. Preservação e uso racional dos recursos naturais.

16 Computação em Nuvens (Cloud Computing) Vantagens: Redução de custos hardware e sistemas simplificados. Ausência de custo com licenças. Ausência de suporte técnico/atualizações de equipamentos/ programas.

17 Arquitetura - Cloud Computing Computação em Nuvens (Cloud Computing) 1 - Front End Lado do usuário (Cliente). 2 - Back End Lado da Internet (Nuvem). Computadores e servidores e sistemas de armazenamento que cria a Nuvem.

18 Armazenamento na Nuvem (Cloud Storage)

19 Armazenamento na Nuvem (Cloud Storage) O que é? Ato de armazenar, utilizar informações e programas através da internet.

20 Armazenamento na Nuvem (Cloud Storage) Acesso as informações por meio do celular, tablets ou qualquer computador fixo ou móvel. Este serviço pode ter uma taxa anual paga a empresa que permite acesso a nuvem.

21 Questão1 CESPE/ Polícia Federal Papiloscopista Julgue os próximos itens, relativos a cloud storage processos de informação. O conceito de cloud storage está associado diretamente ao modelo de implantação de nuvem privada, na qual a infraestrutura é direcionada exclusivamente para uma empresa e são implantadas políticas de acesso aos serviços; já nas nuvens públicas isso não ocorre, visto que não há necessidade de autenticação nem autorização de acessos, sendo, portanto, impossível o armazenamento de arquivos em nuvens públicas.

22 Armazenamento na Nuvem (Cloud Storage) Serviços / Utilizações de computação na nuvem (Cloud Computing) Google - Apple - IBM - Microsoft Google Edição de texto - Planilhas Eletrônicas Correio Eletrônico - Agenda On Line, sem instalação ou download para o computador.

23 Armazenamento na Nuvem (Cloud Storage) Google Apps Aplication Software Google Docs Texto, planilhas e Apresentação. Google Agenda Agenda. Google Talk Comunicação instantânea. Pacotes gratuitos e pagos que permite acesso ao serviço através da conta de usuário.

24 Armazenamento na Nuvem (Cloud Storage) Microsoft A microsoft possui um pacote de serviços similar ao Google chamado de Sky Drive.

25 Questão2 - CESPE/ Polícia Federal - Papiloscopista A respeito de softwares para edição de textos, planilhas e apresentações, julgue os próximos itens. O Microsoft Office Sky Drive é uma suíte de ferramentas de produtividade e colaboração fornecida e acessada por meio de computação em nuvem (cloud computing).

26 Armazenamento na Nuvem (Cloud Storage) Icloud Serviço Apple iphones e ipads Apple Mobile Me Agenda, contatos, calendário, fotos, música (i-tunes), etc.

27 Armazenamento na Nuvem (Cloud Storage) Outros Serviços Amazon Serviço de comércio eletrônico Aluga a Estrutura de Armazenamento e Processamento de dados. Reduziu custos com equipamentos, funcionários e estrutura.

28 Armazenamento na Nuvem (Cloud Storage) Outros Serviços Panda Cloud Antivírus Serviço de Detecção/Remoção de Malwares. Não requer instalação de programa no computador do usuário. Evita que o usuário mantenha o computador lento durante o processo de pesquisa e eliminação.

29 Armazenamento na Nuvem (Cloud Storage) Outros Serviços Webmail Gmail, Hotmail e Yahoo! Mail Acesso ao serviço através de um browser. Sem uso de cliente de Outlook Express, Mozilla Thunderbird ou Eudora.

30 Armazenamento na Nuvem (Cloud Storage) Outros Serviços Discos Virtuais Sites de armazenamento e compartilhamento de fotos, vídeos e arquivos.

31 Questão 3 CESPE/ BB - Escriturário A figura acima ilustra uma janela do BrOffice.org Writer, que está sendo usado para a elaboração de um documento com algumas informações acerca de aplicativos e dispositivos de informática. Considerando essa janela e o texto nela contido, julgue os itens de 71 a 78.

32 Questão 3 CESPE/ BB - Escriturário O texto mostrado na figura menciona a possibilidade de se fazer cópias de segurança de arquivos utilizando computador remoto. Há na Internet sítios específicos que oferecem esse tipo de serviço, nos quais o usuário deve estar normalmente cadastrado para poder explorar as facilidades de transferência e armazenamento de arquivos oferecidas.

33 Tipologia Tipos de Cloud Computing (Computação nas Nuvens) ¼ - PaaS Plataform as a Service Plataforma como serviço Datacenter Armazenamento Banco de Dados Segurança. Ex.: Windows Azure.

34 Tipologia Tipos de Cloud Computing (Computação nas Nuvens) 2/4 IaaS Infrastructure as a Service Infra estrutura como serviço Servidor para utilização e configuração de acordo com a necessidade do usuário.

35 Tipologia Tipos de Cloud Computing (Computação nas Nuvens) ¾ - SaaS Software as a Service Software como serviço Software para utilização do usuário através da web. Uso do software ausência de licença variedade de aplicações Ex.: Google Apps

36 Tipologia Tipos de Cloud Computing (Computação nas Nuvens) 4/4 DaaS Data as a Service Dados como serviço Armazenamento dos dados na nuvem Amazon RDS/S3 (Alto desempenho e escalabilidade).

37 Tipologia Tipos de Cloud Computing (Computação nas Nuvens) 4/4 DaaS Data as a Service Dados como serviço Armazenamento dos dados na nuvem Amazon RDS/S3 (Alto desempenho e escalabilidade).

38 Vantagem da computação na nuvem Rapidez e grande capacidade de armazenamento. Acesso remoto a programas, serviços e arquivos. Dados acessados de qualquer lugar, qualquer hora, de múltiplas maneiras, sem instalação de programas.

39 Vantagem da computação na nuvem Processamento na nuvem sem a necessidade de equipamentos potentes para acesso aos serviços. (Necessidade de um browser e um bom acesso a internet).

40 Vantagem da computação na nuvem Utilização gratuita ou paga do serviço. Redução de custos com espaço físico e energia de equipamentos. Apoio a TI verde de lixo de equipamentos eletrônicos e recursos do planeta.

41 Segurança e Confiabilidade Perda das Informações. Vazamento de Informações. Codificação das Informações. Recuperação das Informações.

42 Computação na Nuvem (Cloud Computing) Armazenamento de dados na Nuvem (Cloud Storage). TEORIA EM EXERCÍCIOS Professor: Luciano Antunes

43 Segurança e Confiabilidade Preocupações: Vazamento/perda das Informações. Busca: Privacidade e Sigilo. Proteção e 100% disponíveis. Busca: Servidores seguros e criptografia. Risco no gerenciamento dos dados. Busca: Conhecer bem a empresa contratada. Recuperação das Informações. Busca: Fornecimento de backup e restauração.

44 Conceito Final O armazenamento de dados é feito em serviços que poderão ser acessados de qualquer lugar do mundo, a qualquer hora, não havendo necessidade de instalação de programas ou de armazenar dados. O acesso a programas, serviços e arquivos é remoto, através da Internet.

45 Conceito Final O conceito de computação em nuvem (em inglês, cloud computing) refere-se à utilização da memória e das capacidades de armazenamento e cálculo de computadores e servidores compartilhados e interligados por meio da Internet, seguindo o princípio da computação em grade.

46 Conceito Final Num sistema operacional disponível na Internet, a partir de qualquer computador e em qualquer lugar, pode-se ter acesso a informações, arquivos e programas num sistema único, independente de plataforma. O requisito mínimo é um computador e Browser compatível com os recursos disponíveis na Internet.

47 04 - FCC/ TRT - 20ª REGIÃO (SE) Téc. Jud. Pedro e Tarcisa trabalham em escritórios da mesma empresa situados em cidades diferentes. Pedro criou um documento utilizando o Microsoft Word e deseja compartilhá-lo de forma que Tarcisa possa consultálo e editá-lo diretamente na web. Para isso Pedro pode utilizar a ferramenta: a) Google Docs.. b) Microsoft Web Document Edition. c) Google Android. d) Yahoo WebOffice. e) Microsoft WebOffice.

48 05 - CESPE/ Câmara dos Deputados Analista Técnico em Material e Patrimônio A respeito da Internet, julgue os itens que se seguem, relativos a ferramentas de acesso e serviços disponibilizados nessa rede..em cloud computing, cabe ao usuário do serviço se responsabilizar pelas tarefas de armazenamento, atualização e backup da aplicação disponibilizada na nuvem.

49 Internet Conceitos básicos, ferramentas, aplicativos E procedimentos de internet e intranet. Professor: Luciano Antunes

50 INTERNET Conceito Inicial: Rede de Computadores interligados. Conceito Atual: Grande Rede Mundial de Computadores interligados. Finalidade: Transferência de dados.

51 Suporta: Navegação em Hipertexto4; Correio Eletrônico; Comunicação Instantânea; Compartilhamento de Arquivos. Hipertexto = Hipermídia (Texto não-linear com várias mídias)

52 Histórico: 1969 Rede Militar EUA - ARPANET (Advance Research Projects Agency Network) 1983 WEB (World Wide Web) ou W3 criada pela CERN. (Organização Europeia para a Investigação Nuclear) 1988 Brasil Auxiliar pesquisadores - FAPESP (Fundação de Amparo à pesquisa do Estado de São Paulo) e UFRJ.

53 Internet Hoje: 1.96 Bilhões de Pessoas (Junho 2010); 76 Milhões são brasileiros Internautas. NUVEM

54 Formato: Rede com certo controle: Organizações Mundiais: Internet Society, InterNic, W3Consortium, Internet Engineering Task Force. Brasil: RNP (Rede Nacional de Pesquisa e Governo), Ministério da Comunicação e Ministério da Ciência e Tecnologia.

55 Estrutura Física: Conectadas por meio de: linha telefônica, cabos coaxiais, fibras óticas ou cabos metálicos. Em conexões: dial-up, banda larga, Wi- Fi, satélites e 3G.

56 Internet Conceitos básicos, ferramentas, aplicativos E procedimentos de internet e intranet. Professor: Luciano Antunes

57 Ferramenta: Computador PC XT (IBM/1970)

58 Componente Físico principal de comunicação: Conexão DIAL-UP TIPO MEIO Placa de Fax Modem Cabo de Linha Telefônica VELOCIDADE Modem Mais... Software de comunicação Exemplo: Programa de Navegação Endereço IP. Máximo 56 Kbps

59 Conexão Discada (Dial-Up) 1 - N IP Ponto/Host Servidor: DHCP PROVEDOR Servidor: DNS 2 - NOMES Ponto/Host N IP Dividido em 4 partes; Menor: Vai de 1 até 255; Maior: De 4 até 12 números. Possível:

60 Meios(s): Conexão Banda Larga (Alta Velocidade) Linha Telefônica Conexão ADSL Ex.: VELOX (Telemar Oi). Cabo de Rede (Cabo Coaxial) Ex.: VIRTUA (NET). Rádio/Satélite Sem Fio (Wireless) Ex.: AJATO (TVA). PROV Modem(s): ADSL Modem. Cable Modem. Wireless Modem. Velocidade(s): 300, 600 Kbps 1, 2, 4, 5, 8 Mbps 10, 15, 20, 50, 100 Mbps

61 Conexão ADSL - Assymmetric Digital Subscriber Line (Linha de Assinante Digital Assimétrica) Características ADSL: 1 Modem externo ao gabinete; 2 Maior velocidade; 3 - Conexão Constante; 4 Linha Telefônica disponível. Assimétrico Download/Downstream e Upload/Upstream.

62 Observação: Multiplicadores: K = Kilo = Mil. M = Mega = Milhão. G = Giga = Bilhão. T = Tera = Trilhão.

63 WIRELESS (IEEE ) Sem Fio: Fixa ou Móvel Via ondas eletromagnéticas. - Rádio/Satélite - Infravermelho - Bluetooth Observação 2: Bluetooth Celular, 100 metros, transmite arquivos entre componentes, sem impeditivos. Wi-Fi (Wirelles Fidelity) Sem fio para Computadores - Mouse ou Teclado - Impressora - Rede Local

64 WIRELESS (IEEE ) Sem Fio: Fixa ou Móvel Via ondas eletromagnéticas. - Rádio/Satélite - Infravermelho - Bluetooth Observação 2: Bluetooth Celular, 100 metros, transmite arquivos entre componentes, sem impeditivos. Wi-Fi (Wirelles Fidelity) Sem fio para Computadores - Mouse ou Teclado - Impressora - Rede Local

65 Rede Wi-Fi = WLAN (Wireless LAN) = LAN sem fio. Ponto distribuidor: Ponto de Acesso (Access Point). Rede Móvel (via rede celular) Operadora Tecnologia Evolução Velocidade(s) Claro TDMA 1G WAP : 14,4 Kbps Vivo CDMA 2G Tim e Oi GSM 2G GPRS : 115 Kbps 2.5G EDGE : 384 Kbps 3G HSPDA : 10 Mbps

66 Internet Conceitos básicos, ferramentas, aplicativos e procedimentos de internet e intranet. TEORIA EM EXERCÍCIOS Professor: Luciano Antunes

67 01 - INSTITUTO CIDADES / UNIFESP - Analista Acerca dos conhecimentos sobre a internet, analise as seguintes afirmativas: I -.A Rede não dispõe de um computador central ou de um centro de telecomunicações. Em vez disso, cada mensagem enviada pela Internet possui um código de endereçamento único para que qualquer servidor de Internet na rede possa encaminhá-la até seu destino. II -.A Internet possui uma sede e um organismo governamental que regulariza as ações na rede.

68 III -.Os sites são os pontos de lançamento para transações de comércio eletrônico entre as empresas, seus fornecedores e clientes. Podemos afirmar corretamente que: a) Todas as afirmativas estão corretas. b) Todas as afirmativas estão incorretas.. c) Apenas a afirmativas I e II estão corretas. d) Apenas as afirmativas I e III estão corretas. INSTITUTO CIDADES / UNIFESP - Analista

69 02 CESPE/ TRT - 21ª Região (RN) - Técnico Judiciário Acerca de conceitos e modos de utilização da Internet e de intranets, conceitos básicos de tecnologia da informação e segurança da informação, julgue os itens subsequentes. O backbone, ou espinha dorsal, da Internet no Brasil é administrado por empresas privadas que detêm o poder de exploração do acesso à Internet. Essas empresas, também conhecidas como provedores de acesso, cobram uma taxa a pessoas físicas ou jurídicas, as quais podem, também, armazenar seus dados na rede.

70 03 - CESPE/ STM Téc. Jud. - Área Administrativa - Básicos Com relação a Windows XP, Microsoft Office, Internet e intranet, julgue os itens a seguir. Na Internet, backbones correspondem a redes de alta velocidade que suportam o tráfego das informações.

71 04 - FCC/ TRF - 1ª REGIÃO - Técnico Judiciário Dispositivo de entrada e saída, modulador e demodulador, utilizado para transmissão de dados entre computadores através de uma linha de comunicação. Utilizado nas conexões internet. Trata-se de: a) banda larga. b) modem.. c) provedor de serviços. d) placa de rede. e) cabo coaxial.

72 05 - FCC/ TRE-SP - Técnico Judiciário Para a devida conexão à internet ou intranet é necessário que o computador possua certos pré-requisitos que possibilitem tal acesso. São requisitos possivelmente necessários para que o computador se conecte à internet, EXCETO: a) modem. b) firewall.. c) provedor. d) placa de rede. e) protocolo TCP/IP

73 06 - FMZ/AP SEAD-AP - Agente Penitenciário Assinale a opção em que se encontram os equipamentos necessários para que um usuário acesse a internet por meio de uma LAN (Local Area Network) e por meio de uma rede Dial-up, respectivamente. a) Placa de fax/modem e kit multimídia completo. b) Interface USB e placa de video. c) Placa de rede e placa de fax/modem.. d) Interface USB e placa de fax/modem e) Placa de vídeo e placa de fax/modem.

74 07 - CESPE/ STM - Analista Judiciário - Área Judiciária Acerca de conceitos relacionados à Internet e ao correio eletrônico, julgue os itens seguintes. Para que um computador possa conectar-se à Internet, é necessário que ele disponha de um endereço IP, que permite que informações solicitadas na rede a partir desse computador possam ser encaminhadas a ele. Em determinados tipos de conexão à Internet, é possível que a cada nova sessão de acesso um novo número IP seja atribuído ao computador.

75 08 - FCC/ PGE-RJ - Tecnico Assistente de Procuradoria Serve para localizar e identificar conjuntos de computadores na Internet. Foi concebido com o objetivo de facilitar a identificação dos endereços de computadores, evitando a necessidade de memorização de uma sequência grande de números. Trata-se de a) uma página web. b) um provedor. c) um domínio. d) um site. e) um endereço eletrônico..

76 09 - CESPE / STM - Analista Judiciário - Área Judiciária Considerando que um usuário pretenda adquirir um computador do tipo PC de forma que possa, em casa, realizar trabalhos escolares e acessar a Internet, e que, para se fazer tal aquisição, seja recomendável saber se as características do computador adquirido são adequadas para a realização dessas tarefas, julgue os itens seguintes, relativos a hardware de computadores do tipo PC. Para que o usuário possa acessar a Internet por meio de uma rede dial-up, é necessário que seja instalado no computador um modem adequado.

77 10 - CESPE MPU - Técnico Administrativo A respeito de Internet e intranet, julgue os itens subsequentes. Um modem ADSL permite que, em um mesmo canal de comunicação, trafeguem sinais simultâneos de dados e de voz. Por isso, com apenas uma linha telefônica, um usuário pode acessar a Internet e telefonar ao mesmo tempo.

78 11 - FEC / MPA - Agente Administrativo Das opções seguintes, aquela que contém apenas tecnologias de acesso à Internet é: a) Dial-up, ISDN, 3Ge Firewire. b) ISDN, Firewire,ADSLe 3G. c) 3G, Dial-up, Firewire e ADSL. d) ADSL, ISDN, Dial-up e 3G.. e) Firewire, ADSL, Dial-up e ISDN.

79 I. O acesso sem fio à Internet e Intranets está crescendo à medida que surgem mais instrumentos de informação capazes de operar em rede. Telefones inteligentes, pagers, PDAs e outros dispositivos portáteis de comunicação tornam-se clientes nas redes sem fios. 12 FCC/ INSS - Técnico do Seguro Social O gráfico a seguir foi extraído da pesquisa TIC empresas 2009 (Pesquisa Sobre uso das Tecnologias da Informação e da Comunicação no Brasil), realizado pelo CETIC (Centro de Estudos Sobre as Tecnologias da Informação e da Comunicação). Considerando redes de computadores e com base no gráfico, analise:

80 II. O uso de redes sem fio tem crescido rapidamente à medida que novas tecnologias de alta velocidade são implementadas, como a Wi-Fi, que pode ser mais barata que o padrão Ethernet e diversas outras tecnologias LAN com fios. III. Com as Intranets, a comunicação interna nas empresas ganha mais agilidade, dinamismo, integra e aproxima seus colaboradores, independente da localização de cada um. Agiliza a disseminação de informações, visando à integração inter e intradepartamental. FCC/ INSS - Técnico do Seguro Social

81 IV. A tendência é que cada vez mais as redes sem fio sejam substituídas pelas redes com fio, pois as tecnologias sem fio estão sujeitas a inúmeros tipos de interferência e interceptação que comprometem seu desempenho e segurança. Está correto o que se afirma em: a) I, II, III e IV. b) I e III, apenas. c) I e II, apenas. d) I, II e III, apenas.. e) III e IV, apenas. FCC/ INSS - Técnico do Seguro Social

82 13 - CESPE/ TRE-AP - Analista Judiciário Para a transmissão de voz através de uma LAN, de uma WAN ou da Internet por meio de pacotes TCP/IP, utiliza-se o método: a) Telnet. b) Windows Messenger. c) Handshaking. d) DNS. e) VoIP..

83 14 - CESPE/2011 FUB Técnico Com relação às tecnologias utilizadas na Internet e intranet, julgue os itens a seguir. A tecnologia power line communication (PLC) possibilita a transmissão de dados através das redes de energia elétrica, utilizando-se uma faixa de frequência diferente da normalmente utilizada na rede elétrica para a distribuição de energia.

84 15 - CESPE/ TRE-MT - Analista Judiciário - Área Administrativa Considerando os conceitos básicos de tecnologias e ferramentas associadas à Internet e intranet, assinale a opção correta. a) Para se acessar a Internet ou uma intranet, é suficiente que o usuário tenha o Internet Explorer instalado em seu computador. b) A tecnologia 3G disponibiliza serviços de telefonia e transmissão de dados a longas distâncias, em um ambiente móvel, incluindo o acesso a Internet..

85 c) O Outlook Express possui mais funcionalidades do que o Microsoft Outlook, como, por exemplo, Agenda e Contatos. d) A intranet disponibiliza serviços semelhantes aos da Internet dentro de uma rede local, mas não permite que esses serviços sejam acessados de outros locais. e) ADSL é um serviço implementado pelo Internet Explorer que permite aumentar a velocidade de acesso a Internet. CESPE/ TRE-MT - Analista Judiciário - Área Administrativa

86 16 - UFG/ UFG - Analista O uso de redes sem fio que permitem a comunicação entre diversos dispositivos tem se tornado cada vez mais comum atualmente. Essa facilidade está presente em alguns modelos de celular, permitindo, por exemplo, sincronismo de agenda e cópias de segurança de seus arquivos com um microcomputador. Dentre as tecnologias mais conhecidas para comunicação sem fio, destaca-se: a) a Gigabit Ethernet. b) a ADSL (Asymmetric Digital Subscriber Line). c) o ATM (Asynchronous Transfer Mode). d) o bluetooth..

87 17 - FCC/ TRT - 4ª REGIÃO (RS) Téc. Jud. - Área Administrativa Numa rede LAN (Local Area Network), o recurso de hardware mínimo que deverá estar instalado no computador para permitir a comunicação com os demais elementos da rede é a) o teclado. b) o hub. c) o cartão de memória. d) o switch. e) a placa de rede..

88 18 - CESPE/ TRT - 21ª Região (RN) - Técnico Judiciário Acerca de conceitos e modos de utilização da Internet e de intranets, conceitos básicos de tecnologia da informação e segurança da informação, julgue os itens subsequentes. Um endereço IP é um identificador que uma rede pode ter para que ela seja encontrada por um usuário. Todos os computadores de uma rede possuem, assim, um mesmo endereço IP, o que garante o envio e recebimento de mensagens para os computadores contidos nessa rede. O que muda na rede são os endereços dos usuários, e não, o endereço dos computadores.

89 Redes de Computadores Professor: Luciano Antunes

90 Redes de Computadores REDE LOCAL Conexão em Rede Local ou LAN (Local Area Network) ou ainda Conexão Ethernet

91 Redes de Computadores Tipos de Rede I Tamanho LAN Local até 1 Km. MAN Metropolitan --- até 10 Km. WAN Wide acima de 10 Km. PAN Personal (Periféricos) -- metros. Area Network

92 Redes de Computadores Topologias II Formatos principais Topologia em Barra

93 Redes de Computadores Topologias Topologia Estrela

94 Redes de Computadores III Modelos de Rede Ponto-a-ponto Simples Sem controle Baixa Segurança. Cliente / Servidor Redes Grandes Com Controle de Servidores Alta Segurança.

95 Redes de Computadores Servidores de Arquivos de Páginas de (Correio Eletrônico) de Backup (Cópia de Segurança) de Internet (Proxy) de Impressão de Banco de Dados de Aplicações

96 Redes de Computadores IV - Velocidades FastEthernet 10/100 Mbps GigaEthernet 100/1000 Mbps = 1 Gbps

97 Redes de Computadores

98 Redes de Computadores Diferenças Computador Servidor Provedor Roteador

99 Redes de Computadores Diferenças 2 Roteador (Router) Pontes (Bridges) Ponto de Acesso (Access Point)

100 Redes de Computadores Diferenças 3 NET Ethernet Internet Intranet Extranet

101 Redes de Computadores E X E R C Í C I O S Professor: Luciano Antunes

102 01 CEPERJ/ SEAP-RJ - Inspetor de Segurança A figura abaixo representa uma topologia física, que é a mais empregada na implementação de LAN s padrão Fast Ethernet. a) 10 Mbps, anel e HDMI b) 1 Gbps, estrela e RJ-45 c) 100 Mbps, anel e RJ-45 d) 1 Gbps, estrela e HDMI e) 100 Mbps, estrela e RJ-45

103 02 - PC/ PC-SP - Delegado de Polícia DHCP e TCP/IP constituem, respectivamente, a) protocolo de serviço de controle de transmissão e protocolo de IPs dinâmicos. b) protocolos de distribuição e controle. c) protocolo de controle de transmissão por IP e serviço de concessão. d) protocolos de entrada e saída de dados. e) protocolo de serviço com concessão de IPs dinâmicos e protocolo de controle de transmissão por IP..

104 03 FCC/ INSS - Técnico do Seguro Social Pedro trabalha em uma pequena imobiliária cujo escritório possui cinco computadores ligados em uma rede com topologia estrela. Os computadores nessa rede são ligados por cabos de par trançado a um switch (concentrador) que filtra e encaminha pacotes entre os computadores da rede, como mostra a figura abaixo. Certo dia, Pedro percebeu que não conseguia mais se comunicar com nenhum outro computador da rede. Vários são os motivos que podem ter causado esse problema, EXCETO: a) O cabo de rede de um dos demais computadores da rede pode ter se rompido. b) A placa de rede do computador de Pedro pode estar danificada. c) A porta do switch onde o cabo de rede do computador de Pedro está conectado pode estar danificada. d) O cabo de rede que liga o computador de Pedro ao switch pode ter se rompido e) Modificações nas configurações do computador de Pedro podem ter tornado as configurações de rede incorretas.

105 04 FUMARC/ PC-MG - Escrivão de Polícia Civil Sistema que mapeia nomes de domínios em endereços IP: a) DHCP. b) Gateway. c) HTTP. d) DNS.

106 05 - FCC / Banco do Brasil - Escriturário O acesso a distância entre computadores a) somente pode ser feito entre computadores iguais. b) pode ser feito entre computadores diferentes, desde que tenham a mesma capacidade de disco. c) não pode ser feito por conexão sem discagem. d) pode ser feito por conexão de acesso discado.. e) não pode ser feito por conexão que utiliza fibra óptica.

107 06 - FGV BADESC - Engenheiro Observe as figuras a seguir: O conector ilustrado na figura 1 e o cabo ilustrado na figura 2 são empregados na implementação de redes de computadores padrão Ethernet e que normalmente acessam a Internet. Esse conector é conhecido pela sigla: a) PCI-11 d) DDR-3 b) RG-58 e) SATA-2 c) RJ-45

108 07 IESES/ CRM-DF Assist. de Tec. da Informação Sobre Redes de Computadores, é correto afirmar: I. Uma rede local (LAN Local Area Network) é uma rede privada que conecta sistemas de computador e dispositivos em uma pequena área, como um escritório, uma residência ou um edifício. II. Uma rede metropolitana (MAN Metropolitan Area Network) é uma rede que conecta sistemas de computador e dispositivos em uma área geográfica que abrange uma cidade. III. Uma rede geograficamente distribuída (WAN Wide Area Network) é uma rede que conecta sistemas de computador e dispositivos em grandes regiões geográficas. IV. A internet caracteriza-se por um conjunto de redes conectadas que utilizam protocolos comuns e fornece um conjunto de serviços. A sequência correta é: a) Apenas a assertiva I está correta. b) Apenas as assertivas III e IV estão corretas c) As assertivas I, II, III e IV estão corretas.. d) Apenas as assertivas I, II e III estão corretas.

109 08 FCC/ TRE-TO Téc. Jud. - Área Adm. O padrão de rede local no qual os dispositivos não necessitam de fios para comunicação entre si, é conhecido por a) Wi-Fi. b) WAN. c) LAN. d) MAN. e) USB.

110 09 FMZ - AP SEAD-AP - Agente Penitenciário Suponha que um empresário deseja informatizar os serviços de sua empresa de tal forma a agilizar os serviços prestados e ganhar novos clientes. Para isto, ele contratará um técnico em informática para ligar os computadores em rede. Assinale o nome dado ao computador que tem como função controlar as demais estações de trabalho quando ligado em uma rede de computadores. a) Desktop. b) Netbook. c) Notebook. d) Servidor.. e) CPU

111 10 FMZ - AP SEAD-AP - Agente Penitenciário Assinale a opção em que se encontram os equipamentos necessários para que um usuário acesse a internet por meio de uma LAN (Local Area Network) e por meio de uma rede Dial-up, respectivamente. a) Placa de fax/modem e kit multimídia completo. b) Interface USB e placa de video. c) Placa de rede e placa de fax/modem. d) Interface USB e placa de fax/modem e) Placa de vídeo e placa de fax/modem.

112 11 FCC/ BAHIAGÁS Téc. Proc. Org. - Administrativo As espinhas dorsais da Internet, que possuem uma infraestrutura de alta velocidade que interliga várias redes e garantem o fluxo da informação entre os diversos países, são denominadas a) backbones. b) roteadores. c) servidores. d) protocolos. e) provedores.

113 12 FCC/ BAHIAGÁS Téc. Proc. Org. - Administrativo As espinhas dorsais da Internet, que possuem uma infraestrutura de alta velocidade que interliga várias redes e garantem o fluxo da informação entre os diversos países, são denominadas a) backbones. b) roteadores. c) servidores. d) protocolos. e) provedores.

114 13 FEPESE/2010 SEFAZ/SC - Auditor Fiscal da Receita Estadual Assinale a alternativa correta a respeito dos componentes utilizados em uma rede local (LAN). a) A interface de rede pode consistir em uma placa de expansão conectada à placa-mãe, ou pode vir integrada à placa-mãe do computador. b) Um modem é um componente indispensável para efetuar conexão à rede local, pois permite a conexão física do computador a um ponto de rede. c) O driver de rede é utilizado para converter os dados em formato digital, armazenados no computador, no formato analógico, que é utilizado na transmissão pela rede. d) Os cabos utilizados em redes locais possuem, por padrão, a cor azul. e) O firewall da rede impede que os computadores da rede local por ele protegida sejam infectados por softwares maliciosos.

115 14 FEPESE/2010 SEFAZ/SC - Auditor Fiscal da Receita Estadual Assinale a alternativa correta a respeito dos componentes utilizados em uma rede local (LAN). a) A interface de rede pode consistir em uma placa de expansão conectada à placa-mãe, ou pode vir integrada à placa-mãe do computador.. b) Um modem é um componente indispensável para efetuar conexão à rede local, pois permite a conexão física do computador a um ponto de rede. c) O driver de rede é utilizado para converter os dados em formato digital, armazenados no computador, no formato analógico, que é utilizado na transmissão pela rede. d) Os cabos utilizados em redes locais possuem, por padrão, a cor azul. e) O firewall da rede impede que os computadores da rede local por ele protegida sejam infectados por softwares maliciosos.

116 15 FEPESE SEFAZ-SC - Analista Financeiro Assinale a alternativa correta, a respeito de redes locais de computadores (LANs). a) As redes locais sem fio que seguem o padrão Wi-Fi constituem-se em pontos de acesso à Internet disponíveis publicamente, conhecidos como hotspots. b) A conexão doméstica a redes de banda larga - como as redes ADSL das empresas de telefonia, e as redes de operadoras de TV a cabo, por exemplo - requer que o usuário possua um roteador em sua residência. c) As redes locais mais comuns atualmente seguem o padrão Ethernet, que apresenta topologia lógica em barramento. d) Os modems 3G, utilizados para conexão às redes das operadoras de telefonia móvel, permitem a transmissão de dados pela Internet à velocidade máxima de 3 Gb/s (Gigabits por segundo). e) Para que se possa acessar uma rede local, é necessário que um computador possua uma placa de rede conectada à sua placa-mãe..

117 SEGURANÇA Noções de Vírus, worms e pragas virtuais. Aplicativos para segurança (antivírus, firewall, anti-spyware etc) Professor: Luciano Antunes

118

119

120

121

122

123

124

125

126 IV Tipos de Antivírus GRATUITO: AVG AVAST! AVIRA PAGO: NORTON PANDA SCAN

127 Sítios de busca e pesquisa na Internet. Professor: Luciano Antunes

128 Sítios de busca e pesquisa na Internet. Motor de busca, motor de pesquisa ou máquina de busca Conceito: Sistema de software projetado para encontrar informações armazenadas em um sistema computacional a partir de palavras-chave indicadas pelo utilizador, reduzindo o tempo necessário para encontrar informações.

129 Sítios de busca e pesquisa na Internet. Motores de busca surgiram logo após o aparecimento da Internet. Motivo: Prestar um serviço de busca de qualquer informação na rede, apresentando os resultados de uma forma organizada, de maneira rápida e eficiente.

130 Sítios de busca e pesquisa na Internet. Os buscadores se mostraram imprescindíveis para o fluxo de acesso e a conquista novos visitantes. Google, o Yahoo, o Lycos, o Cadê, o Bing (Microsoft) e A9 (Amazon).

131 Sítios de busca e pesquisa na Internet. Como Funciona: Ele permite que uma pessoa solicite conteúdo de acordo com um critério específico (tipicamente contendo uma dada palavra ou frase) e responde com uma lista de referências que combinam com tal critério, ou seja é uma espécie de catálogo mágico.

132 Sítios de busca e pesquisa na Internet. Spiders é um conjunto de software que vasculham toda a Web em busca de ocorrências de um determinado assunto em uma página. Alguns motores também extraem dados disponíveis em grupos de notícias, grandes bancos de dados ou diretórios abertos.

133 Histórico: Sítios de busca e pesquisa na Internet. Archie primeira ferramenta - busca por nome de arquivos. Gopher indexava documentos de texto. Wandex e Aliweb links presentes nas páginas. WebCrawler e Lycos 1994 qualquer palavra em qualquer página.

134 Sítios de busca e pesquisa na Internet. Os primeiros motores de busca (como o Yahoo) baseavam-se na indexação de páginas através da sua categorização. A mais recente geração de motores de busca (como Google) utiliza tecnologias diversas, como a procura por palavras-chave nas páginas e o uso de referências externas espalhadas pela web, permitindo até a tradução direta de páginas para a língua do utilizador.

135 Sítios de busca e pesquisa na Internet. O Google, além de fazer a busca pela Internet, oferece também o recurso de se efetuar a busca somente dentro de um site específico.

136 Tipos de buscador: Sítios de busca e pesquisa na Internet. Buscadores globais Google, Yahoo e Bing - pesquisam todos os documentos na rede, resultado aleatória dependendo do ranking de acessos aos sites. Buscadores verticais AchaNoticias, Catho, SAPO e BuscaPé - pesquisas "especializadas" em bases de dados próprias, geralmente é paga uma mensalidade ou de um valor por clique.

137 Sítios de busca e pesquisa na Internet. Guias locais Listão, GuiaMais, AcheCerto, EuAcheiFácil - buscadores exclusivamente locais ou regionais, endereços de empresas ou prestadores de serviços. Guias de busca local ou buscador local empresas e prestadores de serviços próximas ao endereço do internauta a partir de um texto digitado, proximidade identificada pelo CEP. Diretórios de websites Achei no Brasil - usualmente organizados por categorias e sub-categorias.

138 Sítios de busca e pesquisa na Internet. Pesquisando na Internet Google Identificação exata de textos. Você pode também incluir o sinal "+" na busca de frases.

139 Sítios de busca e pesquisa na Internet. Pesquisar com mais eficiência: Use palavras específicas em vez de categorias genéricas. Por exemplo, em vez de pesquisar "cachorros", pesquise uma raça específica de cachorro.

140 Pesquisar com mais eficiência: Sítios de busca e pesquisa na Internet. Use aspas para pesquisar frases específicas. Coloque os termos entre aspas para limitar os resultados da pesquisa às páginas da Web que contenham exatamente a frase especificada. Sem as aspas, os resultados incluirão qualquer página que contenha as palavras usadas, sem levar em consideração a ordem em que aparecem.

141 Sítios de busca e pesquisa na Internet. Consultas com "e" automático: O Google só retorna páginas que incluam todos os seus termos de busca. Para restringir uma busca com mais profundidade basta incluir mais termos. Google procura exatamente pelas palavras que você inseriu no campo de busca. Se você inserir «googl» ou «googl*», o Google não procurará por «googler» ou «googlin». Se estiver em dúvida, tente por várias formas, como por exemplo «tradutor» e «tradutores».

142 Sítios de busca e pesquisa na Internet. Maiúsculas, minúsculas ou acentos interessam? As buscas no Google não são sensíveis a maiúsculas e minúsculas. Todas as palavras, independentemente da forma como forem escritas, serão entendidas como minúsculas. Por exemplo, buscas por "google", "GOOGLE" ou "GoOgLe" trarão os mesmos resultados. As pesquisas padrões do Google não são sensíveis a acentos ou sinais diacríticos, ou seja, [Muenchen] e [München] encontrarão as mesmas páginas. Se quiser discriminar as duas palavras, use um sinal + tanto para [+Muenchen] como para [+München].

143 Excluindo palavras: Sítios de busca e pesquisa na Internet. Você pode excluir uma palavra de sua busca pondo um sinal de menos ("-") imediatamente na frente do termo que você quer evitar. (esteja certo de que incluiu um espaço antes do sinal de menos).

144 Sítios de busca e pesquisa na Internet. TEORIA EM EXERCÍCIOS Professor: Luciano Antunes

145 01 - FUNCAB/ SEJUS-RO Contador Para localizar um texto num site disponível na Internet, a ferramenta recomendada é: a) Windows Explorer. b) Painel decontrole. c) Google.. d) MicrosoftOutlook. e) Skype.

146 02 - CESPE TRT - 21ª Região (RN) - Técnico Judiciário Acerca de conceitos e modos de utilização da Internet e de intranets, conceitos básicos de tecnologia da informação e segurança da informação, julgue os itens subsequentes..o Google é um sistema de informação que possui grande capacidade de armazenamento de arquivos, pois, por meio de uma palavra-chave, pode-se ter acesso a sua base de dados e recuperar rapidamente um documento nele armazenado.

147 03 - CESPE/ BRB Escriturário Julgue os itens subsequentes, a respeito de aplicativos e procedimentos de Internet. Embora o buscador do Google proponha, nos casos em que o usuário digite uma palavra de forma errada, a pesquisa com base na grafia correta da provável palavra, ele ainda não propicia a busca semântica, por meio da qual se exibem outras palavras com significado similar ao daquela pesquisada pelo usuário.

148 04 - UPENET/ SERES-PE - Agente Penitenciário O Google tem o site de busca mais popular. Observe as afirmações sobre o que pode ser realizado em pesquisa na Internet com ele. I -.Pesquisar em páginas da Web localizadas em uma região ou país. II -.Exibir os resultados da pesquisa com links apenas para um determinado tipo de arquivo, por exemplo, arquivos do tipo PDF. III -.Exibir resultados nos quais meus termos de pesquisa aparecem, apenas, no título da página.

149 IV -.Exibir resultados nos quais meus termos de pesquisa aparecem, apenas, no site ou domínio que eu especificar. Assinale a alternativa CORRETA. a) Apenas as afirmações I e II são verdadeiras. b) Apenas as afirmações III e IV são verdadeiras. c) Apenas a afirmação I é verdadeira. d) Todas as afirmações são falsas.. e) Todas as afirmações são verdadeiras. UPENET/ SERES-PE - Agente Penitenciário

150 05 - CESPE/ PC-RN - Agente de Polícia Google é um serviço que permite a realização de buscas avançadas por meio da combinação de resultados ou da inclusão de palavras-chave. A busca por uma expressão inteira, por exemplo, delegado de polícia, no Google pode ser feita a partir da digitação do trecho: a) (delegado de polícia) b) {delegado de polícia} c) \*delegado de polícia*/ d) delegado de polícia. e) _delegado_de_polícia

151 06 - CESPE/ TRT - 21ª RN Anal. Jud. Contabilidade Julgue os itens a seguir, relativos a conceitos e modos de utilização da Internet e de intranets, assim como a conceitos básicos de tecnologia e segurança da informação..no sítio web google.com.br, se for realizada busca por memórias póstumas com aspas delimitando a expressão memórias póstumas, o Google irá realizar busca por páginas da Web que contenham a palavra memórias ou a palavra póstumas, mas não necessariamente a expressão exata memórias póstumas. Mas se a expressão memórias póstumas não foi delimitada por aspas, então o Google irá buscar apenas as páginas que contenham exatamente a expressão memórias póstumas.

152 07 - FCC MPE-RS - Agente Administrativo Ao fazer uma pesquisa envolvendo três termos no Google, foi escolhida uma determinada opção em um dos sites constantes da lista apresentada. Ao abrir o site, tal opção faz com que os três termos sejam apresentados em destaque com cores diferentes ao longo dos textos da página aberta. Tal opção é: a) "Com realce". b) "Filtrados". c) "Em cache". d) "No domínio". e) "Similares".

153 Grupos de Discussão e Redes Sociais Professor: Luciano Antunes

154 Grupos de Discussão Professor: Luciano Antunes

155 Grupos de Discussão Lista de discussão ou Lista de ou Grupos de ou ainda Newsgroups Ferramenta gerenciável pela Internet que permite a um grupo de pessoas a troca de mensagens via entre todos os membros do grupo.

156 Grupos de Discussão Sites de Grupo: Yahoo Grupos br.groups.yahoo.com Google Groups groups.google.com Grupos MS Hotmail (SkyDrive) - https://groups.live.com Processo de uso: 1 - Cadastramento da lista. 2 - Cadastramento de membros.

157 Grupos de Discussão Lista possui dono (fundador do grupo) e moderadores, usuários que ajudam a manter o bom funcionamento. Um membro pode compartilhar arquivos, fotos e música entre os participantes.

158 Grupos de Discussão Formas de Comunicação: 1) Listas de discussão são ferramentas de comunicação assíncronas. 2) Possibilitam também uma comunicação síncrona através da ferramenta de bate-papo.

159 Grupos de Discussão Uma mensagem escrita por um membro e enviada para a lista, replica automaticamente na caixa postal de cada um dos cadastrados. Existe a opção de cadastrar-se e fazer a leitura em modo Web, ou seja, sem receber os s da lista no .

160 Grupos de Discussão Segurança: Algumas listas não permitem anexos por motivos de segurança. Outras, não permitem HTML, aceitando somente o fomato texto, e outras aceitam anexos e HTML.

161 Grupos de Discussão Problemas: Redundância de informações Novos membros sempre poderão voltar a postar mensagens sobre temas já respondidos. Solução : Fóruns via Web.

162 Grupos de Discussão Atenção: Fóruns - Sistema dividido em categorias (temas) onde o conteúdo das discussões é produzido pelos usuários registrados no sistema e arquivados no site com consulta facilitada. Blog - site onde a principal característica é a publicação de notícias regulares, onde as mais atuais vêm sempre no topo da página. Os leitores de um blog podem interagir através de comentários ou votação de notícias dependendo do programa utilizado para construir o blog. CHAT Sistema de comunicação entre pessoas cadastradas em tempo real de forma síncrona.

163 Grupos de Discussão 01 - CESPE/2011 PC/ES - Cargos de Nível Superior - Conhecimentos Básicos - Delegado de Polícia, Médico Legista, Perito Criminal, Perito Especial. Com relação a conceitos de Internet, julgue os itens subsequentes. O conceito de grupos de discussão da Internet provém do termo listas de discussão, das quais fazem parte usuários cadastrados que recebem simultaneamente as mensagens enviadas para o grupo.

164 Grupos de Discussão 02 - UPENET SERES-PE - Agente Penitenciário Internet é útil não só para intercâmbio de informações mas também é um excelente meio de expor ideias e debatê-las com um grupo específico de participantes. Observe as afirmações sobre grupos de discussão. I. A troca de mensagens entre os participantes é feita, apenas, através de s. II. As conversas ou debates entre os participantes acontecem, apenas, em salas de bate-papo. III. O mediador é um participante que julga qual é a opinião correta.

165 Assinale a alternativa CORRETA. Grupos de Discussão a) Apenas as afirmações I e III são verdadeiras. b) Apenas as afirmações II e III são verdadeiras. c) Apenas a afirmação II é verdadeira. d) Todas as afirmações são falsas. e) Todas as afirmações são verdadeiras. UPENET SERES-PE - Agente Penitenciário

166 03 - FUNCAB/ PC-RO - Delegado de Polícia Redes Sociais A Internet é uma rede que liga milhões de computadores em todo o mundo e oferece uma série de serviços. Qual o mais recomendado para postar uma pergunta e participar de discussões relativas a um assunto específico? a) Compartilhamento de Arquivos. b) Blogs. c) . d) Grupos de Notícias e fóruns de discussão.. e) Mensagem Instantânea.

167 Grupos de Discussão 04 - FCC/ TJ-PI - Analista Judiciário - Auditor I. Estimular o trabalho colaborativo, tanto na Internet quanto na Intranet, por meio de instrumentos do tipo diário profissional (ou corporativo) eletrônico, onde conteúdos mais recentes aparecem no topo da página e mais antigos no final. No item I é estimulado o uso de um instrumento do tipo a) e-book. b) blog.. c) banco de dados. d) corporativo. e) e-zine.

168 De acordo com o recomendado em (VII), é adequado o uso das funções de a) correio eletrônico. b) correio eletrônico e chat. c) chat.. d) página web. e) feeds.. Grupos de Discussão 05 - FCC/ TRE-PI Anal. Jud. - Arquivologia

169 Redes Sociais Professor: Luciano Antunes

170 Redes Sociais O que é um Rede Social? Estrutura social composta por pessoas ou organizações, conectadas por um ou vários tipos de relações, que partilham valores e objetivos comuns. Exemplos: redes de relacionamentos (Facebook, Orkut, MySpace, Twitter), redes profissionais (LinkedIn), redes comunitárias (redes sociais em bairros ou cidades), redes políticas, etc.

171 Redes Sociais Formas de redes sociais Redes profissionais, prática conhecida como networking, tal como o linkedin, que procura fortalecer a rede de contatos de um indivíduo, visando futuros ganhos pessoais ou profissionais. Redes sociais online, tais como Facebook, Orkut, MySpace, Twitter, WorldPlatform (normalmente estamos acostumados a redes sociais públicas, mas existem privadas.

172 Redes Sociais 06 - COPEVE-UFAL UFAL - Bibliotecário Documentalista Na Internet, uma Rede Social é a) um tipo de site onde usuários compartilham informações, conhecimentos e interesses em comum.. b) uma rede em estrutura IPv6 que transmite apenas dados criptografados. c) um site típico de ONGs que incentivam o uso da Internet como meio de inclusão social. d) um tipo de conexão de alta velocidade com a Internet, própria para utilização em áreas de baixa renda. e) uma rede composta por pelo menos dez computadores e que é utilizada para realizar processamento de grandes cálculos matemáticos na web.

173 Redes Sociais 07 - FUNCAB/2011 Pref. Várzea Grande - MT - Auditor de Controle Interno Redes sociais online têm adquirido importância crescente na sociedade moderna. Existem diversos sites no mercado com esse papel específico, EXCETO: a) Facebook b) Orkut. c) Twitter. d) Linkedin. e) Google.

174 Redes Sociais 08 FCC/ TRF-1ª REGIÃO Anal. Jud. - Contadoria Linkedin é: a) uma rede de negócios principalmente utilizada por profissionais.. b) um aplicativo de correio eletrônico pago. c) uma forma de configurar perfis no correio eletrônico do Google. d) um aplicativo antivírus de amplo uso na web. e) uma forma de conexão entre o computador pessoal e o provedor internet.

175 Redes Sociais 09 - FCC/2011-TRT-14ª Região (RO/AC) Téc. Jud. - Administrativa O sítio do Tribunal Regional do Trabalho da 14ª Região disponibiliza, entre outros, o link para o twitter TRT. Twitter é: a) um site em que é possível enviar recados, arquivos, links e itens de calendário criados diretamente no programa. b) um mensageiro instantâneo que permite a troca de mensagens entre usuários previamente cadastrados. c) um site cuja estrutura permite a atualização rápida a partir de acréscimos de artigos, posts e diários on-line. d) um cliente de s e notícias que permite a troca de opiniões sobre o assunto em pauta entre usuários previamente cadastrados. e) uma rede social na qual os usuários fazem atualizações de textos curtos, que podem ser vistos publicamente ou apenas por um grupo restrito escolhido pelo usuário..

176 10 - CESPE/ Polícia Federal - Papiloscopista Redes Sociais Julgue os itens seguintes, relativos a sistemas operacionais, redes sociais e organização de arquivos..twitter, Orkut, Google+ e Facebook são exemplos de redes sociais que utilizam o recurso scraps para propiciar o compartilhamento de arquivos entre seus usuários.

177 Redes Sociais 11 - FCC/2011-TRF - 1ª REGIÃO Anal. Jud. - Contadoria O Orkut é caracteristicamente definido como: a) provedor de acesso. b) lista de contatos. c) rede de segurança. d) comércio eletrônico. e) rede social.

178 Redes Sociais 12-FCC/ TRE-TO Anal. Jud. - Área Administrativa Na Internet, ela é uma rede social que permite comunicar com um grupo de amigos predefinido, aceitando os amigos e restringindo o acesso de estranhos aos seus dados: a) Correio Eletrônico. b) Twitter. c) Blog. d) Facebook.. e) Weblog.

179 Sistema Operacional LINUX Professor: Luciano Antunes

180 Software Livre Software Livre ou Free Software Não é um Software Gratuito! Software Gratuito é Freeware. Um Software não precisa ser livre gratuito, pode ser cobrado!

181 Software Livre Software Livre Pode ser: distribuído com seu código-fonte; (Possui Código Aberto = Open Source) alterado e redistribuído; copiado ou livremente adaptado.

182 Software Livre Nos proporciona a liberdade de: utilizar programas para diferentes propósitos; modificar um programa para adaptá-lo às necessidades; permite acesso ao código-fonte; redistribuir cópias gratuitamente ou mediante uma taxa.

183 Software Gratuito Software Gratuito (Freeware) Obrigatoriamente de graça! Não traz necessariamente o código-fonte aberto. Podendo assim, não ser alterado.

184 Software Gratuito Shareware Gratuito, limitado, completo se pago e com direitos autorais. Exemplo: Norton Antivírus.

185 Linux Histórico 1965 SO Complexo MULTICS (Multiplexed Information and Computing Service) 1969 Unix - Ken Thompson e Dennis Ritchie reescreveram todo o sistema operacional bem mais simples. Hoje o Unix pertence ao The Open Group, um consórcio formado por empresas de informática.

186 Linux Unix Sistema Operacional de código fechado que inspirou o Linux. Solução para o Código Fechado: Criação de SO Livre Projeto GNU 1984 Richard Stallman GNU = Não UNIX

187 Linux GNU Criou uma série de aplicativos livre, para os diversos fins, contendo editores de texto, planilhas de cálculo, navegadores, programas de correio eletrônico, etc. Tudo para compor um sistema operacional livre.

188 Linux Linus Torvalds 1991 Criou um Kernel baseado no Minix. (pequeno Unix de Andrew Tannenbaum). Surgiu então a primeira versão deste kernel chamado de Linux!

189 Richard Stallman Projeto GNU Linus Torvalds Linux

190 Linux O que é? O Linux é o Kernel que passou a contar com a colaboração cooperativa de aplicativos livre. Portanto o sistema operacional se chama, na verdade, GNU/Linux.

191 Linux Licença O Linux adota a GPL. General Public License (Licença Pública Geral). Todos podem utilizar e distribuir nos termos da licença.

192 Linux Aliado a diversos outros softwares livres, como o KDE, o Gnome, o Apache, o Firefox, os softwares do sistema GNU e o Openoffice.org o Linux pode formar um ambiente seguro e estável para desktops, servidores e outros sistemas.

193 Linux Interface Gráfica (GUI) Desktop Papel de parede Ícones Barra de Tarefas

194 Ambiente gráfico (GUI) - Graphics User Interface

195 Linux - Kernel Componente do sistema operacional que gerencia os recursos do sistema e permite que os programas façam uso deles. Programas Núcleo do Sistema Hardwares

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES 1 2 REDES DE COMPUTADORES ADRIANO SILVEIRA ADR_SILVEIRA@YAHOO.COM.BR Classificação quanto ao alcance geográfico LAN Local Area Network, tem alcance em nível de empresas, órgãos, organizações ou casas.

Leia mais

INFORMÁTICA PROF. RENATO DA COSTA

INFORMÁTICA PROF. RENATO DA COSTA CONTEÚDO PROGRAMÁTICO FCC 2012 NOÇÕES DE : 1 Conceitos de Internet e intranet. 2 Conceitos básicos e modos de utilização de tecnologias, ferramentas, aplicativos e procedimentos associados à Internet e

Leia mais

INFORMÁTICA IINTERNET / INTRANET

INFORMÁTICA IINTERNET / INTRANET INFORMÁTICA IINTERNET / INTRANET Objectivos História da Internet Definição de Internet Definição dos protocolos de comunicação Entender o que é o ISP (Internet Service Providers) Enumerar os equipamentos

Leia mais

02/03/2014. Conteúdo deste módulo. Curso de Preparatório para Concursos Públicos. Tecnologia da Informação REDES. Conceitos Iniciais

02/03/2014. Conteúdo deste módulo. Curso de Preparatório para Concursos Públicos. Tecnologia da Informação REDES. Conceitos Iniciais Curso de Preparatório para Concursos Públicos Tecnologia da Informação REDES Conceitos Iniciais; Classificações das Redes; Conteúdo deste módulo Equipamentos usados nas Redes; Modelos de Camadas; Protocolos

Leia mais

Prova do INSS 2012 Cargo Técnico FCC

Prova do INSS 2012 Cargo Técnico FCC Prova do INSS 2012 Cargo Técnico FCC Prof(a) Ana Lucia de Informática 18. Pedro trabalha em uma pequena imobiliária cujo escritório possui cinco computadores ligados em uma rede com topologia estrela.

Leia mais

Cliente / Servidor. Servidor. Cliente. Cliente. Cliente. Cliente

Cliente / Servidor. Servidor. Cliente. Cliente. Cliente. Cliente Internet e Intranet Cliente / Servidor Cliente Servidor Cliente Cliente Cliente Cliente / Servidor SERVIDOR Computador ou equipamento que fornece algum tipo de serviço em redes (Armazenamento e compartilhamento

Leia mais

Universidade de Brasília

Universidade de Brasília Universidade de Brasília Introdução a Microinformática Turma H Redes e Internet Giordane Lima Porque ligar computadores em Rede? Compartilhamento de arquivos; Compartilhamento de periféricos; Mensagens

Leia mais

1 - Q82232 ( FCC - 2010 - MPE-RS - Agente Administrativo / Noções de Informática / Internet e intranet; )

1 - Q82232 ( FCC - 2010 - MPE-RS - Agente Administrativo / Noções de Informática / Internet e intranet; ) 1 - Q82232 ( FCC - 2010 - MPE-RS - Agente Administrativo / Noções de Informática / Internet e intranet; ) Para responder às questões de números 6 a 10, considere as funções originais dos produtos, versões

Leia mais

Internet. Redes de Computadores

Internet. Redes de Computadores Internet Redes de Computadores Equipamentos Dispositivos de de Rede Rede Cliente / Servidor Cliente Servidor Cliente Cliente Cliente Dispositivos de Rede Adaptador de Rede Placa de Rede Interface de Rede

Leia mais

Treinamento de Provas. Aula 1 Bloco 2 Novas tecnologias e Protocolos. Cespe/UnB Com fundamentação teórica

Treinamento de Provas. Aula 1 Bloco 2 Novas tecnologias e Protocolos. Cespe/UnB Com fundamentação teórica Treinamento de Provas Cespe/UnB Com fundamentação teórica Prof. Roberto Andrade Aula 1 Bloco 2 Novas tecnologias e Protocolos 1 (CESPE/MPE PI) Na rede social conhecida como Via6, o usuário poderá compartilhar

Leia mais

INFORMÁTICA PARA CONCURSOS

INFORMÁTICA PARA CONCURSOS INFORMÁTICA PARA CONCURSOS Prof. BRUNO GUILHEN Vídeo Aula VESTCON MÓDULO I - INTERNET Aula 01 O processo de Navegação na Internet. A CONEXÃO USUÁRIO PROVEDOR EMPRESA DE TELECOM On-Line A conexão pode ser

Leia mais

Sistemas de Informação Gerencial

Sistemas de Informação Gerencial Sistemas de Informação Gerencial Aula 06 Prof.ª Bruna Patrícia da Silva Braga Infraestrutura de TI: Redes de Computadores Redes de Computadores Conjunto de computadores e periféricos ligados entre si através

Leia mais

Dicas para a prova do MPU (cargos Analista e Técnico) NOÇÕES DE INFORMÁTICA: (comentário por tópico do edital visando o CESPE/UnB)

Dicas para a prova do MPU (cargos Analista e Técnico) NOÇÕES DE INFORMÁTICA: (comentário por tópico do edital visando o CESPE/UnB) Dicas para a prova do MPU (cargos Analista e Técnico) Por Prof.ª Ana Lucia Castilho NOÇÕES DE INFORMÁTICA: (comentário por tópico do edital visando o CESPE/UnB) Assunto: Noções de sistema operacional (ambientes

Leia mais

Administração de Sistemas de Informação I

Administração de Sistemas de Informação I Administração de Sistemas de Informação I Prof. Farinha Aula 03 Telecomunicações Sistemas de Telecomunicações 1 Sistemas de Telecomunicações Consiste de Hardware e Software transmitindo informação (texto,

Leia mais

REDES. Consiste em dois ou mais computadores conectados entre si e compartilhando recursos.

REDES. Consiste em dois ou mais computadores conectados entre si e compartilhando recursos. REDES Consiste em dois ou mais computadores conectados entre si e compartilhando recursos. TIPOS TIPOS LAN MAN WAN FUNCIONAMENTO DE UMA REDE TIPOS Cliente/ Servidor Ponto a ponto INTERNET Conceito 1.

Leia mais

Componentes dos sistemas computadorizados Aula 04 FTC FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS ADMINISTRAÇÃO IV SEMESTRE

Componentes dos sistemas computadorizados Aula 04 FTC FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS ADMINISTRAÇÃO IV SEMESTRE Componentes dos sistemas computadorizados Aula 04 FTC FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS ADMINISTRAÇÃO IV SEMESTRE Componentes da infraestrutura Hardware Software Tecnologia de gerenciamento de dados Tecnologia

Leia mais

O processo de Navegação na Internet APRESENTAÇÃO DO CURSO. Prof. BRUNO GUILHEN. O Internet Explorer INFORMÁTICA BÁSICA

O processo de Navegação na Internet APRESENTAÇÃO DO CURSO. Prof. BRUNO GUILHEN. O Internet Explorer INFORMÁTICA BÁSICA APRESENTAÇÃO DO CURSO Prof. BRUNO GUILHEN O processo de Navegação na Internet INFORMÁTICA BÁSICA A NAVEGAÇÃO Programas de Navegação ou Browser : Internet Explorer; O Internet Explorer Netscape Navigator;

Leia mais

APRESENTAÇÃO DO CURSO. Prof. BRUNO GUILHEN www.brunoguilhen.com.br. Prof. BRUNO GUILHEN

APRESENTAÇÃO DO CURSO. Prof. BRUNO GUILHEN www.brunoguilhen.com.br. Prof. BRUNO GUILHEN APRESENTAÇÃO DO CURSO Prof. BRUNO GUILHEN www.brunoguilhen.com.br Prof. BRUNO GUILHEN MÓDULO I - INTERNET Aula 01 O processo de Navegação na Internet. O processo de Navegação na Internet A CONEXÃO USUÁRIO

Leia mais

Telecomunicações, Internet e tecnologia sem fio. slide 1

Telecomunicações, Internet e tecnologia sem fio. slide 1 Telecomunicações, Internet e tecnologia sem fio slide 1 Objetivos de estudo Quais os principais componentes das redes de telecomunicações e quais as principais tecnologias de rede? Quais os principais

Leia mais

TECNOLOGIA WEB INTERNET PROTOCOLOS

TECNOLOGIA WEB INTERNET PROTOCOLOS INTERNET PROTOCOLOS 1 INTERNET Rede mundial de computadores. Também conhecida por Nuvem ou Teia. Uma rede que permite a comunicação de redes distintas entre os computadores conectados. Rede WAN Sistema

Leia mais

4. Rede de Computador

4. Rede de Computador Definição Uma rede de computadores é formada por um conjunto de módulos processadores capazes de trocar informações e compartilhar recursos, interligados por um sub-sistema de comunicação, ou seja, é quando

Leia mais

A utilização das redes na disseminação das informações

A utilização das redes na disseminação das informações Internet, Internet2, Intranet e Extranet 17/03/15 PSI - Profº Wilker Bueno 1 Internet: A destruição as guerras trazem avanços tecnológicos em velocidade astronômica, foi assim também com nossa internet

Leia mais

Prof. Ravel Silva (https://www.facebook.com/professorravelsilva) SIMULADO 01 PRF

Prof. Ravel Silva (https://www.facebook.com/professorravelsilva) SIMULADO 01 PRF Orientações aos alunos: 1. Este simulado visa auxiliar os alunos que estão se preparando para o cargo de Policial Rodoviário Federal. 2. O Simulado contém 10 questões estilo CESPE (Certo e Errado) sobre

Leia mais

Prof. Edson Maia Graduado em Web Design e Programação Bacharel e Licenciado em Geografia Especialista em Gestão Ambiental Complementação para

Prof. Edson Maia Graduado em Web Design e Programação Bacharel e Licenciado em Geografia Especialista em Gestão Ambiental Complementação para Prof. Edson Maia Graduado em Web Design e Programação Bacharel e Licenciado em Geografia Especialista em Gestão Ambiental Complementação para Magistério Superior Especialista em Docência para Educação

Leia mais

INTERNET OUTLOOK. 1. Considerando os conceitos e os modos de navegação na Internet, assinale a opção correta.

INTERNET OUTLOOK. 1. Considerando os conceitos e os modos de navegação na Internet, assinale a opção correta. Prof. Júlio César S. Ramos P á g i n a 1 INTERNET OUTLOOK 1. Considerando os conceitos e os modos de navegação na Internet, assinale a opção correta. A O Outlook Express permite criar grupo de pessoas

Leia mais

ATA - Exercícios Informática Carlos Viana. 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor.

ATA - Exercícios Informática Carlos Viana. 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. ATA - Exercícios Informática Carlos Viana 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. ATA EXERCÍCIOS CARLOS VIANA 22 - ( ESAF - 2004 - MPU - Técnico Administrativo ) O

Leia mais

Administração de Sistemas de Informação Gerenciais

Administração de Sistemas de Informação Gerenciais Administração de Sistemas de Informação Gerenciais UNIDADE V: Telecomunicações, Internet e Tecnologia Sem Fio. Tendências em Redes e Comunicações No passado, haviam dois tipos de redes: telefônicas e redes

Leia mais

15/02/2015. Conteúdo deste módulo. Curso de Preparatório para Concursos Públicos. Tecnologia da Informação REDES. Conceitos Iniciais

15/02/2015. Conteúdo deste módulo. Curso de Preparatório para Concursos Públicos. Tecnologia da Informação REDES. Conceitos Iniciais Curso de Preparatório para Concursos Públicos Tecnologia da Informação REDES Conceitos Iniciais; Classificações das Redes; Topologias de Redes; Meios de Transmissão; Arquitetura de Redes; Conteúdo deste

Leia mais

Exercícios CESPE/UnB 2012

Exercícios CESPE/UnB 2012 Exercícios CESPE/UnB 2012 Julgue os itens seguintes, acerca dos sistemas operacionais Windows e Linux. 01 No sistema Linux, existe um usuário de nome root, que tem poder de superusuário. Esse nome é reservado

Leia mais

O que é Cloud Computing (Computação nas Nuvens)?

O que é Cloud Computing (Computação nas Nuvens)? O que é Cloud Computing (Computação nas Nuvens)? Introdução A denominação Cloud Computing chegou aos ouvidos de muita gente em 2008, mas tudo indica que ouviremos esse termo ainda por um bom tempo. Também

Leia mais

ATA - Exercícios Informática Carlos Viana. 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor.

ATA - Exercícios Informática Carlos Viana. 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. ATA - Exercícios Informática Carlos Viana 2012 Copyright. Curso Agora eu Passo - Todos os direitos reservados ao autor. ATA EXERCÍCIOS CARLOS VIANA 01 -Existem vários tipos de vírus de computadores, dentre

Leia mais

SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES SERVICOS DE REDE LOCAL. Professor Carlos Muniz

SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES SERVICOS DE REDE LOCAL. Professor Carlos Muniz SISTEMAS OPERACIONAIS LIVRES SERVICOS DE REDE LOCAL Na internet, cada computador conectado à rede tem um endereço IP. Todos os endereços IPv4 possuem 32 bits. Os endereços IP são atribuídos à interface

Leia mais

Confrontada com o gabarito oficial e comentada. 75. A denominada licença GPL (já traduzida pra o português: Licença Pública Geral)

Confrontada com o gabarito oficial e comentada. 75. A denominada licença GPL (já traduzida pra o português: Licença Pública Geral) Prova Preambular Delegado São Paulo 2011 Módulo VI - Informática Confrontada com o gabarito oficial e comentada 75. A denominada licença GPL (já traduzida pra o português: Licença Pública Geral) a) Garante

Leia mais

Sérgio Cabrera Professor Informática 1

Sérgio Cabrera Professor Informática 1 1. A tecnologia que utiliza uma rede pública, como a Internet, em substituição às linhas privadas para implementar redes corporativas é denominada. (A) VPN. (B) LAN. (C) 1OBaseT. (D) 1OBase2. (E) 100BaseT.

Leia mais

Sistemas Operacionais

Sistemas Operacionais Sistemas Operacionais Tipos de Sistemas Operacionais Com o avanço dos computadores foram surgindo alguns tipos de sistemas operacionais que contribuíram para o desenvolvimento do software. Os tipos de

Leia mais

Administração de Sistemas de Informação Gerenciais

Administração de Sistemas de Informação Gerenciais Administração de Sistemas de Informação Gerenciais UNIDADE V: Telecomunicações, Internet e Tecnologia Sem Fio. Tendências em Redes e Comunicações No passado, haviam dois tipos de redes: telefônicas e redes

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores São dois ou mais computadores ligados entre si através de um meio.a ligação pode ser feita recorrendo a tecnologias com fios ou sem fios. Os computadores devem ter um qualquer dispositivo

Leia mais

REDES INTRODUÇÃO À REDES

REDES INTRODUÇÃO À REDES REDES INTRODUÇÃO À REDES Simplificando ao extremo, uma rede nada mais é do que máquinas que se comunicam. Estas máquinas podem ser computadores, impressoras, telefones, aparelhos de fax, etc. Ex: Se interligarmos

Leia mais

Questões de Concursos Tudo para você conquistar o seu cargo público

Questões de Concursos Tudo para você conquistar o seu cargo público Informática- Leandro Rangel, Analista Financeiro Contábil da AGU e professor do QConcursos.com 1- Q236949 CESGRANRIO - 2012 - Caixa - Técnico Bancário Em ambiente gráfico KDE, as diversas distribuições

Leia mais

Microsoft Internet Explorer. Browser/navegador/paginador

Microsoft Internet Explorer. Browser/navegador/paginador Microsoft Internet Explorer Browser/navegador/paginador Browser (Navegador) É um programa que habilita seus usuários a interagir com documentos HTML hospedados em um servidor web. São programas para navegar.

Leia mais

Software Livre. Acesso ao código fonte Alterar o código fonte Redistribuir Utilizar como desejar

Software Livre. Acesso ao código fonte Alterar o código fonte Redistribuir Utilizar como desejar Software Livre Acesso ao código fonte Alterar o código fonte Redistribuir Utilizar como desejar Linux Licença GPL (Licença Pública Geral) Linux Licença GPL (Licença Pública Geral) - A liberdade de executar

Leia mais

FTIN Formação Técnica em Informática Módulo de Gestão Aplicada a TIC AULA 06. Prof. Fábio Diniz

FTIN Formação Técnica em Informática Módulo de Gestão Aplicada a TIC AULA 06. Prof. Fábio Diniz FTIN Formação Técnica em Informática Módulo de Gestão Aplicada a TIC AULA 06 Prof. Fábio Diniz Na aula anterior ERP Enterprise Resource Planning Objetivos e Benefícios ERP Histórico e Integração dos Sistemas

Leia mais

Universidade Federal do Acre. Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas

Universidade Federal do Acre. Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas Universidade Federal do Acre Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas Universidade Federal do Acre Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas Pós-graduação Lato Sensu em Desenvolvimento de Software e Infraestrutura

Leia mais

Documento de Requisitos de Rede (DRP)

Documento de Requisitos de Rede (DRP) Documento de Requisitos de Rede (DRP) Versão 1.2 SysTrack - Grupo 1 1 Histórico de revisões do modelo Versão Data Autor Descrição 1.0 30/04/2011 João Ricardo Versão inicial 1.1 1/05/2011 André Ricardo

Leia mais

SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS - INFORMÁTICA - BOA VISTA-RR

SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIOS - INFORMÁTICA - BOA VISTA-RR 1. O Aplicativo Java(TM) Plataform 8.65 pode ser definido como: A. Comando B. Anti-Vírus C. Plugin D. Browser E. Controlador 2. Um técnico de suporte de TI recebe o chamado de um usuário que afirma que

Leia mais

Computação Instrumental

Computação Instrumental Computação Instrumental Sistemas Operacionais Redes de Computadores Engenharia Ambiental 2º Semestre de 2013 1 Software Hardware O Sistema Operacional (SO) é um software que gerencia os recursos do computador,

Leia mais

Informática Aplicada. Aula 3 Internet, Browser e E-mail. Professora: Cintia Caetano

Informática Aplicada. Aula 3 Internet, Browser e E-mail. Professora: Cintia Caetano Informática Aplicada Aula 3 Internet, Browser e E-mail Professora: Cintia Caetano SURGIMENTO DA INTERNET A rede mundial de computadores, ou Internet, surgiu em plena Guerra Fria, no final da década de

Leia mais

Atividade Capitulo 6 - GABARITO

Atividade Capitulo 6 - GABARITO Atividade Capitulo 6 - GABARITO 1. A Internet é uma força motriz subjacente aos progressos em telecomunicações, redes e outras tecnologias da informação. Você concorda ou discorda? Por quê? Por todos os

Leia mais

Armazenamento em nuvem é feito em serviços que poderão ser acessados de diferentes lugares, a qualquer momento e utilizando diferentes dispositivos,

Armazenamento em nuvem é feito em serviços que poderão ser acessados de diferentes lugares, a qualquer momento e utilizando diferentes dispositivos, Nuvem cloud Armazenamento em nuvem é feito em serviços que poderão ser acessados de diferentes lugares, a qualquer momento e utilizando diferentes dispositivos, não havendo necessidade de armazenamento

Leia mais

Noções de redes de computadores e Internet

Noções de redes de computadores e Internet Noções de redes de computadores e Internet Evolução Redes de Comunicações de Dados Sistemas Centralizados Características: Grandes Centros de Processamentos de Dados (CPD); Tarefas Científicas; Grandes

Leia mais

Desafio 1 INFORMÁTICA PARA O TRT

Desafio 1 INFORMÁTICA PARA O TRT Desafio 1 INFORMÁTICA PARA O TRT Queridos alunos, vencem o desafio os 3 primeiros alunos a enviar as respostas corretas para o meu e-mail, mas tem que acertar todas... ;-) Vou começar a responder os e-mails

Leia mais

Internet. A Grande Rede Mundial. Givanaldo Rocha givanaldo.rocha@ifrn.edu.br http://docente.ifrn.edu.br/givanaldorocha

Internet. A Grande Rede Mundial. Givanaldo Rocha givanaldo.rocha@ifrn.edu.br http://docente.ifrn.edu.br/givanaldorocha Internet A Grande Rede Mundial Givanaldo Rocha givanaldo.rocha@ifrn.edu.br http://docente.ifrn.edu.br/givanaldorocha O que é a Internet? InterNet International Network A Internet é uma rede mundial de

Leia mais

15/02/2015. Conteúdo deste módulo. Curso de Preparatório para Concursos Públicos. Tecnologia da Informação REDES. Conceitos Iniciais

15/02/2015. Conteúdo deste módulo. Curso de Preparatório para Concursos Públicos. Tecnologia da Informação REDES. Conceitos Iniciais Curso de Preparatório para Concursos Públicos Tecnologia da Informação REDES www.professormarcelomoreira.com.br falecom@professormarcelomoreira.com.br Conceitos Iniciais; Classificações das Redes; Topologias

Leia mais

8.2.11 Quebras de página 8.3 Exercícios para fixação

8.2.11 Quebras de página 8.3 Exercícios para fixação SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO À INFORMÁTICA 1.1 Conceitos básicos de informática e alguns termos usuais 1.2 Geração dos computadores 1.3 Evolução da tecnologia dos computadores 1.4 Sistema de informática 1.5 Tipos

Leia mais

Comunicação Comunicação é o ato de transmissão de informações de uma pessoa à outra. Emissor: Receptor: Meio de transmissão Sinal:

Comunicação Comunicação é o ato de transmissão de informações de uma pessoa à outra. Emissor: Receptor: Meio de transmissão Sinal: Redes - Comunicação Comunicação é o ato de transmissão de informações de uma pessoa à outra. Comunicação sempre foi, desde o início dos tempos, uma necessidade humana buscando aproximar comunidades distantes.

Leia mais

Voltar. Placas de rede

Voltar. Placas de rede Voltar Placas de rede A placa de rede é o dispositivo de hardware responsável por envio e recebimento de pacotes de dados e pela comunicação do computador com a rede. Existem placas de rede on-board(que

Leia mais

Informática Aplicada I. Sistemas Operacionais Projeto e Implementação Andrew S. Tanenbaum Albert S. woodhull

Informática Aplicada I. Sistemas Operacionais Projeto e Implementação Andrew S. Tanenbaum Albert S. woodhull Informática Aplicada I Sistemas Operacionais Projeto e Implementação Andrew S. Tanenbaum Albert S. woodhull 1 Conceito de Sistema Operacional Interface: Programas Sistema Operacional Hardware; Definida

Leia mais

// Questões para estudo

// Questões para estudo // Questões para estudo 2 // Ferramentas Básicas de Internet e Web 2.0 1. Sobre a internet, marque a opção correta: A) A internet poder ser definida como uma rede mundial, composta por mihões e milhões

Leia mais

sensitives). Os endereços Internet (E-mail) são comumente escritos em 1 - INTERNET:

sensitives). Os endereços Internet (E-mail) são comumente escritos em 1 - INTERNET: 1 - INTERNET: 1.1 - Conceitos: 1.1.1 - A Internet Uma definição mais formal sobre o que é a Internet pode ser resumida como uma rede de computadores, de abrangência mundial e pública, através da qual estão

Leia mais

Rede de Computadores. Arquitetura Cliente-Servidor

Rede de Computadores. Arquitetura Cliente-Servidor Rede de Computadores Arquitetura ClienteServidor Coleção de dispositivos de computação interconectados que permitem a um grupo de pessoas compartilhar informações e recursos É a conexão de dois ou mais

Leia mais

Desenvolvimento em Ambiente Web. Prof. André Y. Kusumoto andrekusumoto.unip@gmail.com

Desenvolvimento em Ambiente Web. Prof. André Y. Kusumoto andrekusumoto.unip@gmail.com Desenvolvimento em Ambiente Web Prof. André Y. Kusumoto andrekusumoto.unip@gmail.com Internet A Internet é um conjunto de redes de computadores de domínio público interligadas pelo mundo inteiro, que tem

Leia mais

INTERNET -- NAVEGAÇÃO

INTERNET -- NAVEGAÇÃO Página 1 INTRODUÇÃO Parte 1 O que é a Internet? A Internet é uma rede mundial de computadores, englobando redes menores distribuídas por vários países, estados e cidades. Ao contrário do que muitos pensam,

Leia mais

Professor: Jorge Cavalcanti Jorge.cavalcanti@univasf.edu.br

Professor: Jorge Cavalcanti Jorge.cavalcanti@univasf.edu.br Internet Professor: Jorge Cavalcanti Jorge.cavalcanti@univasf.edu.br A Internet consiste de centenas de redes conectadas ao redor do mundo. Cada governo, companhia ou organização é responsável por manter

Leia mais

GUIA DE RECURSOS SMART

GUIA DE RECURSOS SMART GUIA DE RECURSOS SMART Características dos aplicativos da SMART TV 1.Android 4.2 dual-core smart TV 2.Conexão de rede (com fio/sem fio/pppoe/wlan HP) 3. Sync-View (opcional) 4. Multi-screen Interativa

Leia mais

*Conceitos básicos *Formas de conexão *Correio Eletrônico *WWW *Principais navegadores para Internet

*Conceitos básicos *Formas de conexão *Correio Eletrônico *WWW *Principais navegadores para Internet Conceitos básicos Formas de conexão Correio Eletrônico WWW Principais navegadores para Internet Para compreender a Internet faz-se necessário o conhecimento de conceitos simples e que muitas vezes causam

Leia mais

1. AULA 1 - INTRODUÇÃO À REDES DE COMPUTADORES

1. AULA 1 - INTRODUÇÃO À REDES DE COMPUTADORES 1. AULA 1 - INTRODUÇÃO À REDES DE COMPUTADORES Objetivos da Aula Aprender os conceitos básicos para compreensão das próximas aulas. Na maioria dos casos, os conceitos apresentados serão revistos com maior

Leia mais

LFG MAPS. INTERNET 08 questões

LFG MAPS. INTERNET 08 questões INTERNET 08 questões 1 - ( Prova: CESPE - 2009 - Polícia Federal - Agente Internet e intranet; Navegador Internet (Browser); ) Julgue os itens subsequentes, a respeito de Internet e intranet. LFG MAPS

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DO DISTRITO FEDERAL

TRIBUNAL DE CONTAS DO DISTRITO FEDERAL TRIBUNAL DE CONTAS DO DISTRITO FEDERAL TÉCNICO EM ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA E ANALISTA (EXCETO PARA O CARGO 4 e 8) GABARITO 1. (CESPE/2013/MPU/Conhecimentos Básicos para os cargos 34 e 35) Com a cloud computing,

Leia mais

O processo de Navegação na Internet APRESENTAÇÃO DO CURSO. Prof. BRUNO GUILHEN. O Internet Explorer. /Redes/Internet/Segurança

O processo de Navegação na Internet APRESENTAÇÃO DO CURSO. Prof. BRUNO GUILHEN. O Internet Explorer. /Redes/Internet/Segurança APRESENTAÇÃO DO CURSO Prof. BRUNO GUILHEN O processo de Navegação na Internet INFORMÁTICA BÁSICA www.brunoguilhen.com.br A NAVEGAÇÃO Programas de Navegação ou Browser : Internet Explorer; O Internet Explorer

Leia mais

Aula 01. Introdução ao Linux

Aula 01. Introdução ao Linux Aula 01 Introdução ao Linux Introdução Objetivos aprender a usar um novo sistema aprender a usar uma nova interface Como no Windows navegar pela internet (e-mails, facebook, etc) criar pastas e arquivos

Leia mais

Meio Físico. Mensagem. Protocolo. Emissor e Receptor. Data Terminal Equipment Data Communications Equipment

Meio Físico. Mensagem. Protocolo. Emissor e Receptor. Data Terminal Equipment Data Communications Equipment Emissor Receptor Meio Físico Mensagem Protocolo Emissor e Receptor Data Terminal Equipment Data Communications Equipment (DTE) + (DCE) Meio Físico Mensagem ( pacote ) O meio físico É o elemento que transmite

Leia mais

leitejuniorbr@yahoo.com.br 1 GESTOR AMBIENTAL - FUNCAB

leitejuniorbr@yahoo.com.br 1 GESTOR AMBIENTAL - FUNCAB CONCURSO: SEMACE CARGO: GESTOR AMBIENTAL G01 - X DATA: 29/11/2009 QUESTÃO 11 - Qual das alternativas a seguir contém a sigla de uma tecnologia de transmissão digital de dados que permite conectar um computador

Leia mais

O processo de Navegação na Internet APRESENTAÇÃO DO CURSO. Prof. BRUNO GUILHEN. O Internet Explorer. www.brunoguilhen.com.br 1 INFORMÁTICA BÁSICA

O processo de Navegação na Internet APRESENTAÇÃO DO CURSO. Prof. BRUNO GUILHEN. O Internet Explorer. www.brunoguilhen.com.br 1 INFORMÁTICA BÁSICA APRESENTAÇÃO DO CURSO Prof. BRUNO GUILHEN O processo de Navegação na Internet INFORMÁTICA BÁSICA A NAVEGAÇÃO Programas de Navegação ou Browser : Internet Explorer; O Internet Explorer Netscape Navigator;

Leia mais

efagundes com Como funciona a Internet

efagundes com Como funciona a Internet Como funciona a Internet Eduardo Mayer Fagundes 1 Introdução à Internet A Internet é uma rede de computadores mundial que adota um padrão aberto de comunicação, com acesso ilimitado de pessoas, empresas

Leia mais

Universidade Federal de Goiás. Alexandre Ferreira de Melo CERCOMP / UFG

Universidade Federal de Goiás. Alexandre Ferreira de Melo CERCOMP / UFG Universidade Federal de Goiás Ubuntu Desktop Alexandre Ferreira de Melo CERCOMP / UFG Conpeex / 2010 Agenda Introdução Conceitos Categorias de Software História do Linux Arquitetura do Linux Ubuntu Projeto

Leia mais

REDES ESAF. leitejuniorbr@yahoo.com.br 1 Redes - ESAF

REDES ESAF. leitejuniorbr@yahoo.com.br 1 Redes - ESAF REDES ESAF 01 - (ESAF - Auditor-Fiscal da Previdência Social - AFPS - 2002) Um protocolo é um conjunto de regras e convenções precisamente definidas que possibilitam a comunicação através de uma rede.

Leia mais

Princípios de Internet e Termos mais Utilizados. Internet

Princípios de Internet e Termos mais Utilizados. Internet Princípios de Internet e Termos mais Utilizados Internet A Comunicação é a melhor palavra para descrever a Internet. São serviços e facilidades que, para algumas pessoas, é o lugar onde elas encontram

Leia mais

Material Complementar. 50 questões gabaritadas

Material Complementar. 50 questões gabaritadas Material Complementar 50 questões gabaritadas Considerando os conceitos de Internet, intranet e correio eletrônico, julgue os itens a seguir. 1. (Pol. Civil ES/2009) As redes wireless possuem a vantagem

Leia mais

Conexão Sem Fio Guia do Usuário

Conexão Sem Fio Guia do Usuário Conexão Sem Fio Guia do Usuário Copyright 2007 Hewlett-Packard Development Company, L.P. Windows é uma marca registrada da Microsoft Corporation nos Estados Unidos. Bluetooth é marca comercial dos respectivos

Leia mais

REDE DE COMPUTADORES. Desenvolvimento Duração: 35 aulas (2 horas cada aula) Redes de computadores. 1 Apresentação

REDE DE COMPUTADORES. Desenvolvimento Duração: 35 aulas (2 horas cada aula) Redes de computadores. 1 Apresentação REDE DE COMPUTADORES Desenvolvimento Duração: 35 aulas (2 horas cada aula) 1 Apresentação Conhecendo os alunos Conceitos básicos de redes O que é uma rede local Porque usar uma rede local 2 Como surgiram

Leia mais

MÓDULO I - INTERNET APRESENTAÇÃO DO CURSO. Prof. BRUNO GUILHEN. Prof. BRUNO GUILHEN. O processo de Navegação na Internet. Aula 01

MÓDULO I - INTERNET APRESENTAÇÃO DO CURSO. Prof. BRUNO GUILHEN. Prof. BRUNO GUILHEN. O processo de Navegação na Internet. Aula 01 APRESENTAÇÃO DO CURSO Prof. BRUNO GUILHEN Prof. BRUNO GUILHEN MÓDULO I - INTERNET O processo de Navegação na Internet Aula 01 O processo de Navegação na Internet. USUÁRIO A CONEXÃO PROVEDOR On-Line EMPRESA

Leia mais

Redes de Dados e Comunicações. Prof.: Fernando Ascani

Redes de Dados e Comunicações. Prof.: Fernando Ascani Redes de Dados e Comunicações Prof.: Fernando Ascani Redes Wireless / Wi-Fi / IEEE 802.11 Em uma rede wireless, os adaptadores de rede em cada computador convertem os dados digitais para sinais de rádio,

Leia mais

UNICE Ensino Superior Introdução a Redes de Computadores Aula 01

UNICE Ensino Superior Introdução a Redes de Computadores Aula 01 UNICE Ensino Superior Introdução a Redes de Computadores Aula 01 PROFESSOR: Hiarly Alves Rodrigues Paiva Introdução a Redes de Computadores FACULDADE UNICE Fortaleza CE Ementa Introdução. Topologias de

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES

REDES DE COMPUTADORES REDES DE COMPUTADORES MEMÓRIAS DE AULA AULA 1 APRESENTAÇÃO DO CURSO, HISTÓRIA, EQUIPAMENTOS E TIPOS DE REDES Prof. José Wagner Bungart CONTEÚDO PROGRAMÁTICO Definição de Redes de Computadores e Conceitos

Leia mais

Introdução à Computação: Sistemas de Computação

Introdução à Computação: Sistemas de Computação Introdução à Computação: Sistemas de Computação Beatriz F. M. Souza (bfmartins@inf.ufes.br) http://inf.ufes.br/~bfmartins/ Computer Science Department Federal University of Espírito Santo (Ufes), Vitória,

Leia mais

Introdução. ISP: Internet Service Provider O provedor de acesso oferece serviço de acesso à internet, agregando a ele outros serviços como:

Introdução. ISP: Internet Service Provider O provedor de acesso oferece serviço de acesso à internet, agregando a ele outros serviços como: Introdução ISP: Internet Service Provider O provedor de acesso oferece serviço de acesso à internet, agregando a ele outros serviços como: Correio Eletrônico; Hospedagem de sites; Blogs; DNS; Voip. Introdução

Leia mais

Introdução. ISP Local

Introdução. ISP Local Introdução ISP: Internet Service Provider O provedor de acesso oferece serviço de acesso à internet, agregando a ele outros serviços como: Correio Eletrônico; Hospedagem de sites; Blogs; DNS; Voip. Introdução

Leia mais

caso, é suficiente realizar o seguinte procedimento: selecionar o trecho mencionado; teclar.

caso, é suficiente realizar o seguinte procedimento: selecionar o trecho mencionado; teclar. OLÁ!! TUDO BEM COM VOCÊS? AINDA ESTOU SURPRESA COM A PROVA DO BB III, POIS CONFORME ANÁLISE DE OUTRAS PROVAS DO BB, CREIO QUE ESTA FOI A MAIS PUXADA, PRINCIPALMENTE PELO FATO DA COBRAÇA O IE7, QUEM DIRIA

Leia mais

São programas de computador utilizados para realizar diversas tarefas É a parte lógica do computador, o que faz o computador realmente funcionar.

São programas de computador utilizados para realizar diversas tarefas É a parte lógica do computador, o que faz o computador realmente funcionar. São programas de computador utilizados para realizar diversas tarefas É a parte lógica do computador, o que faz o computador realmente funcionar. Quais são eles? Vários outros programas 1 Sistema Básico

Leia mais

Capítulo 1: Introdução às redes de computadores

Capítulo 1: Introdução às redes de computadores ÍNDICE Capítulo 1: Introdução às redes de computadores Redes domésticas... 3 Redes corporativas... 5 Servidor... 5 Cliente... 7 Estação de trabalho... 8 As pequenas redes... 10 Redes ponto-a-ponto x redes

Leia mais

INFORMÁTICA. Prof. Rafael Fernando Zimmermann

INFORMÁTICA. Prof. Rafael Fernando Zimmermann INFORMÁTICA Prof. Rafael Fernando Zimmermann O que é uma rede de computadores? Conceito: Conjunto de computadores interligados por estruturas físicas que seguem regras de comunicação definidas por programas.

Leia mais

AFRE. a. ( ) Instalando um programa gerenciador de carregamento, como o LILO ou o GRUB. a. ( ) Data Werehouse ; Internet ; Linux

AFRE. a. ( ) Instalando um programa gerenciador de carregamento, como o LILO ou o GRUB. a. ( ) Data Werehouse ; Internet ; Linux 1. De que forma é possível alterar a ordem dos dispositivos nos quais o computador procura, ao ser ligado, pelo sistema operacional para ser carregado? a. ( ) Instalando um programa gerenciador de carregamento,

Leia mais

COMENTÁRIO PROVA DE INFORMÁTICA SERGIO ALABI LUCCI FILHO www.alabi.net ~ concurso@alabi.net

COMENTÁRIO PROVA DE INFORMÁTICA SERGIO ALABI LUCCI FILHO www.alabi.net ~ concurso@alabi.net COMENTÁRIO PROVA DE INFORMÁTICA SERGIO ALABI LUCCI FILHO www.alabi.net ~ concurso@alabi.net CARGO: TÉCNICO DE CONTROLE EXTERNO ÁREA: APOIO TÉCNICO E ADMINISTRATIVO ESPECIALIDADE: TÉCNICA ADMINISTRATIVA

Leia mais

Placa de Rede. Rede de Computadores. Tipos de Redes LAN (Local Area Network) Rede local. Placa de Rede

Placa de Rede. Rede de Computadores. Tipos de Redes LAN (Local Area Network) Rede local. Placa de Rede Rede de Computadores Prof. André Cardia Email: andre@andrecardia.pro.br MSN: andre.cardia@gmail.com Placa de Rede Uma placa de rede (NIC), ou adaptador de rede, oferece capacidades de comunicações nos

Leia mais

Sistemas Multimédia. Instituto Superior Miguel Torga. Francisco Maia famaia@gmail.com. Redes e Comunicações

Sistemas Multimédia. Instituto Superior Miguel Torga. Francisco Maia famaia@gmail.com. Redes e Comunicações Sistemas Multimédia Instituto Superior Miguel Torga Redes e Comunicações Francisco Maia famaia@gmail.com Estrutura das Aulas 5 Aulas Aula 10 (20 de Abril) Classificação Componentes Aula 11 (27 de Abril)

Leia mais

Comunicação sem fio (somente para determinados modelos)

Comunicação sem fio (somente para determinados modelos) Comunicação sem fio (somente para determinados modelos) Guia do Usuário Copyright 2006 Hewlett-Packard Development Company, L.P. Microsoft e Windows são marcas registradas da Microsoft Corporation nos

Leia mais

aluno, Responda ao questionário e tire suas dúvidas caso as tenha.

aluno, Responda ao questionário e tire suas dúvidas caso as tenha. Recurso 1 MINISTRADO EM 27/05/2015 Prova da PM aluno, Responda ao questionário e tire suas dúvidas caso as tenha. ------------------Soldado_Policia_Militar_MG_2013 1. 33ª QUESTÃO Marque a alternativa CORRETA.

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BUENO BRANDÃO ESTÂNCIA CLIMÁTICA E HIDROMINERAL CNPJ: 18.940.098/0001-22

PREFEITURA MUNICIPAL DE BUENO BRANDÃO ESTÂNCIA CLIMÁTICA E HIDROMINERAL CNPJ: 18.940.098/0001-22 1. Qual programa não faz parte do pacote BrOffice.org? a) Groove b) Writer c) Draw d) Math e) Calc 2. Considerando a figura abaixo que apresenta uma parte da Barra de ferramentas de formatação do LibreOffice

Leia mais

FACULDADE DOS GUARARAPES. A Internet... Prof. Rômulo César romulodandrade@gmail.com www.romulocesar.com.br

FACULDADE DOS GUARARAPES. A Internet... Prof. Rômulo César romulodandrade@gmail.com www.romulocesar.com.br FACULDADE DOS GUARARAPES A Internet... Prof. Rômulo César romulodandrade@gmail.com www.romulocesar.com.br O que é a Internet Rede de Computadores: Consiste de dois ou mais computadores ligados entre si

Leia mais