RESOLUÇÃO CONSUN Nº 005/2014. Ementa::Regulamenta a gestão financeira dos Programas e Projetos de Extensão da UPE.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "RESOLUÇÃO CONSUN Nº 005/2014. Ementa::Regulamenta a gestão financeira dos Programas e Projetos de Extensão da UPE."

Transcrição

1 RESOLUÇÃO CONSUN Nº 005/2014 Ementa::Regulamenta a gestão financeira dos Programas e Projetos de Extensão da UPE. O Presidente do Conselho Universitário - CONSUN, no uso das atribuições que lhe confere o artigo 28, inciso XXI do Estatuto da Universidade de Pernambuco - UPE e em cumprimento à decisão do Conselho Universitário desta Universidade, estabelece: Art. 1. Entende-se como gestão financeira dos programas e projetos de extensão, o processo de planejamento financeiro, a indicação das fontes financiadoras e a formalização do órgão responsável pela execução e prestação de contas. Art. 2. O planejamento financeiro dos programas e/ou projetos de Extensão, deve ser elaborado por seu coordenador, e aprovado pela direção da Unidade, quando for o caso, e submetida à Câmara de Extensão. 1º. O planejamento financeiro deverá ser parte integrante do programa e/ou projeto de extensão e acompanha o projeto acadêmico, após submetido e apreciado pela Pró-reitoria de Extensão e Cultura da UPE (PROEC), e posterior análise e deliberação do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEPE) e Conselho Universitário (CONSUN) da UPE. 2 o. A formalização do planejamento financeiro do programa ou projeto, mencionado no caput deste artigo, deverá ser efetuada em planilha específica, cujo modelo está apresentado em anexo 1. Art. 3º O planejamento financeiro considerará as despesas de capital e corrente dos programas e projetos, nos termos da Lei Federal nº. 4320/64, de 17 de março de 1964 e suas alterações, e executado conforme manual da despesa pública do Estado de Pernambuco. 1º Entende-se como despesas de capital as aquisições de equipamentos e materiais permanentes, ou seja, que aumentam o patrimônio da Universidade de Pernambuco. 2º. Entende-se como despesas correntes as despesas relativas ao pagamento de diárias, de serviços prestados por pessoa física ou jurídica, aquisição de materiais de consumo, incluindo software, livros, consultoria, locação de mão-de-obra, passagens e locomoção, obrigações patronais e outras. 3º. As despesas relativas ao 1º e 2º parágrafos deverão estar em conformidade com a lei federal 8.666/93 de 21 de junho de 1993 que institui normas para licitações e contratos na administração pública. país. 4 o. O pagamento à pessoa física, na modalidade de bolsas, obedecerá a legislação vigente no 5º A aplicação de recursos financeiros para aquisição de itens de capital e custeio deverão ser justificadas no plano de trabalho, e os itens de capital adquiridos deverão ser doados à Universidade de Pernambuco, e esta registrará em seu patrimônio através de termo próprio de recebimento de doação. 1

2 Art. 4. Nos pagamentos de serviços prestados por pessoa física,admite-se a remuneração pelos serviços listados abaixo, com os limites máximos de remuneração com base nos cargos correspondentes, indicados a seguir. Quadro 1 Distribuição dos valores das remunerações pelos serviços nos programas e projetos de Extensão. Serviços Valores máximos Coordenação geral R$ 1.500,00 (mensal) Coordenação pedagógica R$ 1.400,00 (mensal) Coordenação administrativa R$ 1.400,00 (mensal) Professor R$ 1.300,00 (mensal) Alunos tutores bolsistas R$ 400,00 (mensal) 1 o. Os serviços de apoio tais como limpeza, apoio técnico, secretários, outros, deverão ser executados de acordo com a legislação vigente. 2 o. O cálculo para definição do total de meses para remuneração da coordenação deverá ter como referência o cronograma de execução do projeto e/ou programa. 3º. Os valores discriminados no caput deste artigo devem ser considerados como valores máximos e não compulsórios, respeitando-se a dimensão, a necessidade e a realidade de cada programa ou projeto, podendo ser ajustados de acordo com a fonte parceira, quando for o caso. 4º. Os programas e projetos que apresentem planilha e custos diferentes do proposto neste artigo deverão apresentar justificativa. Art.5. A confecção de material didático-pedagógico poderá constituir item de despesa previsto no planejamento financeiro. Art. 6. Todas as despesas a serem executadas deverão estar contidas no planejamento financeiro do programa ou projeto aprovado pela Pró-Reitoria de Extensão e Cultura (PROEC), através de sua Câmara, e pelo CEPE e CONSUN. Art. 7. As despesas de pronto pagamento devem estar previstas no planejamento financeiro e poderão ser executadas mediante suprimento de fundos concedido ao coordenador do programa ou projeto. 1. O limite máximo para a concessão do suprimento de fundos não poderá exceder o equivalente ao valor nominal de três salários mínimos vigente no momento da submissão do programa ou projeto. Art. 8º. Admitir-se-á a realização de despesas com alimentação, transporte e/ou hospedagem para docentes externos a UPE. Art. 9º. Admitir-se-á o pagamento de diárias e transporte somente para os docentes da UPE residentes em localidades diferentes daquela onde o programa ou projeto será oferecido. Único O servidor não poderá receber diárias através de suprimento individual [decreto estadual de 11 de setembro de 2003], sendo vedada a liberação de diárias e alimentação para destinação de uma só despesa. 2

3 Art. 10. Os programas e projetos de extensão universitária poderão ser financiados com recursos públicos ou privados, nas seguintes modalidades: a) Convênios ou termos de cooperação celebrada entre UPE e órgãos públicos municipal, estadual ou federal. b) Contrato efetuado com órgão público com dispensa de licitação. c) Contribuição de entes privados, individuais ou coletivos. d) Contratos com entes privados Art. 11. O Instituto de Apoio a Universidade de Pernambuco, IAUPE, será, preferencialmente, o órgão responsável pela execução financeira, quando a modalidade de financiamento assim o permitir. Para isso, o programa ou projeto deverá prever, única e exclusivamente, a retenção, para os custos operacionais, de até 10% da receita bruta em favor do IAUPE. Art. 12. O planejamento financeiro do projeto e/ou programa destinará2,5% da sua receita bruta para aplicação no plano de desenvolvimento de ações de Extensão e Cultura da UPE. Art. 13. A execução financeira deverá ser solicitada, autorizada e acompanhada pela coordenação do projeto ou programa. Art. 14. Observando-se a existência de recursos financeiros não utilizados ao final da execução do programa ou projeto de extensão, sua destinação na UPE será para o Fundo de Extensão e Cultura. Art. 15. É vedada a utilização de recursos para qualquer outra finalidade, que não a previamente definida e aprovada no plano de trabalho. Art. 16. O coordenador de projeto deverá apresentar relatórios financeiros, decorrido 50% do prazo e ao final, e os coordenadores de programas semestralmente. Estes demonstrativos deverão ser publicados no site da UPE. Relação de despesas efetuadas (anexo 2) Demonstrativo da Receita e da Despesa (anexo 3) Art.17. Esta resolução será aplicada aos projetos e/ou programas de extensão a partir da data de sua aprovação. Art. 18. Os casos omissos e excepcionais serão resolvidos pelo CEPE e CONSUN. Art. 19. Esta resolução entra em vigor nesta data, revogando-se quaisquer disposições em contrário. Conselho Universitário-CONSUN, Sala das Sessões, 28 de fevereiro de Prof. Carlos Fernando de Araújo Calado PRESIDENTE 3

4 ANEXO 1 Modalidade: Titulo: PLANILHA FINANCEIRA Unidade: Coordenador: RECEITA Inscrição Matrícula Mensalidade Total Arrecadado DESPESA Remunerações Parcelas (n) Horas ou unidades Valor da parcela (R$) Valor Unitário (R$) Alunos (n) Alunos (n) Receita total R$ Despesa Total R$ Coordenação Docência de componentes curriculares Supervisão de estágio Serviços de secretaria Serviços de apoio administrativo Serviços de limpeza e segurança Despesas de Capital (detalhar) Despesas correntes (detalhar) Encargos sociais (20%) Total de despesas CONTRIBUIÇÕES (informar % adotado) Reservado para a unidade Fundo de extensão IAUPE Total geral de despesa (remunerações + contribuições) 4

5 PRESTAÇÃO DE CONTAS DE PROJETO OU PROGRAMA DE EXTENSÃO Unidade: Modalidade: Título: RECEITA DATA RECEBIDO REND. APLIC DEMONSTRATIVO DE RECEITA E DESPESA OUTRAS RECEITAS Mês: ANEXO 2 DESPESA TOTAL NAT.DESPESA TOTAL TOTAL DATA Financeiro Coordenador Geral 5

6 Unidade: Modalidade: Título PRESTAÇÃO DE CONTAS DE PROJETO OU PROGRAMA DE EXTENSÃO RELAÇÃO DE PAGAMENTOS EFETUADOS Mês: ANEXO 3 N o. DE ORDEM FAVORECIDO/CN PJ ou CPF LICITAÇÃO TIPO NÚMERO DAT A N o. CHEQUE DATA NAT. DESPESA VALOR TOTAL RESPONSÁVEL DATA FINANCEIRO COORDENADOR GERAL DIRETOR 6

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE COLEGIADO PLENO DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE COLEGIADO PLENO DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE COLEGIADO PLENO DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 01/2012 Regulamenta a relação entre a UFCG e sua fundação de apoio e define critérios

Leia mais

Ementa : Estabelece normas para o funcionamento de cursos de Pós-Graduação lato sensu na Universidade de Pernambuco

Ementa : Estabelece normas para o funcionamento de cursos de Pós-Graduação lato sensu na Universidade de Pernambuco Resolução CEPE N XXX/200 Ementa : Estabelece normas para o funcionamento de cursos de Pós-Graduação lato sensu na Universidade de Pernambuco O Presidente do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão CEPE,

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 122, DE 26 DE NOVEMBRO DE 2015

RESOLUÇÃO Nº 122, DE 26 DE NOVEMBRO DE 2015 RESOLUÇÃO Nº 122, DE 26 DE NOVEMBRO DE 2015 O CONSELHO UNIVERSITÁRIO da Universidade Federal do Pampa, em sua 69ª Reunião Ordinária, realizada no dia 26 de novembro de 2015, no uso das atribuições que

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA CONSELHO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 33/2011

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA CONSELHO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 33/2011 CONSELHO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 33/2011 Altera a Resolução 19/2004 CONSU que estabelece regras administrativas e de gestão dos cursos de pós graduação lato sensu na Universidade Federal de Juiz de Fora.

Leia mais

DECISÃO Nº 193/2011 D E C I D E

DECISÃO Nº 193/2011 D E C I D E CONSUN Conselho Universitário DECISÃO Nº 193/2011 O CONSELHO UNIVERSITÁRIO, em sessão de 08/04/2011, tendo em vista o constante no processo nº 23078.032500/10-21, de acordo com o Parecer nº 022/2011 da

Leia mais

COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR PORTARIA Nº 156, DE 28 DE NOVEMBRO DE 2014

COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR PORTARIA Nº 156, DE 28 DE NOVEMBRO DE 2014 COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR PORTARIA Nº 156, DE 28 DE NOVEMBRO DE 2014 Aprova o regulamento do Programa de Apoio à Pós-graduação PROAP, que se destina a proporcionar melhores

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ CONSELHO UNIVERSITÁRIO. Resolução n 027/2011-CONSU De 22 de dezembro de 2011

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ CONSELHO UNIVERSITÁRIO. Resolução n 027/2011-CONSU De 22 de dezembro de 2011 Resolução n 027/2011-CONSU De 22 de dezembro de 2011 Regulamenta as normas para o relacionamento entre a Universidade Federal do Amapá e as Fundações de Apoio prevista na Lei n 8.958, de 20 de dezembro

Leia mais

RESOLUÇÃO - CONSUNI Nº 06/2011

RESOLUÇÃO - CONSUNI Nº 06/2011 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS RESOLUÇÃO - CONSUNI Nº 06/2011 Disciplina o relacionamento entre a Universidade Federal de Goiás e as Fundações de Apoio à UFG. O CONSELHO UNIVERSITÁRIO

Leia mais

Instruções para Habilitação aos Auxílios e Apoios do PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA MECÂNICA-UFU PROEX-PPG-EM-UFU

Instruções para Habilitação aos Auxílios e Apoios do PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA MECÂNICA-UFU PROEX-PPG-EM-UFU Instruções para Habilitação aos Auxílios e Apoios do PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA MECÂNICA-UFU PROEX-PPG-EM-UFU Documento Básico de Orientações do Programa de Excelência Acadêmica PROEX PROGRAMA

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 062 CONSUPER/2013

RESOLUÇÃO Nº 062 CONSUPER/2013 RESOLUÇÃO Nº 062 CONSUPER/2013 Dispõe sobre a regulamentação de Programa de Extensão e Projeto de Extensão do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Catarinense. O Presidente do do Instituto

Leia mais

ESCOLA POLITÉCNICA DA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO

ESCOLA POLITÉCNICA DA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO COORDENAÇÃO SETORIAL DE EXTENSÃO E CULTURA POLI UPE RESOLUÇÃO 01.2015 Regulamenta e estabelece normas sobre os Cursos de Extensão Universitária da Escola Politécnica de Pernambuco, Campus Benfica, da Universidade

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 07/2010, DE 26 DE FEVEREIRO DE 2010

RESOLUÇÃO Nº 07/2010, DE 26 DE FEVEREIRO DE 2010 RESOLUÇÃO Nº 07/2010, DE 26 DE FEVEREIRO DE 2010 Normatiza a oferta de cursos a distância, em nível de graduação, sequenciais, tecnólogos, pós-graduação e extensão universitária ofertados pela Universidade

Leia mais

RELAÇÕES ENTRE O IFRS E AS FUNDAÇÕES DE APOIO AUTORIZADAS PELO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO (MEC) E PELO MINISTÉRIO DA CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO (MCTI)

RELAÇÕES ENTRE O IFRS E AS FUNDAÇÕES DE APOIO AUTORIZADAS PELO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO (MEC) E PELO MINISTÉRIO DA CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO (MCTI) RELAÇÕES ENTRE O IFRS E AS FUNDAÇÕES DE APOIO AUTORIZADAS PELO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO (MEC) E PELO MINISTÉRIO DA CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO (MCTI) Dispõe sobre as normas que regulamentam as relações

Leia mais

INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA APLICADA PORTARIA Nº 339, DE 12 DE AGOSTO DE 2010

INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA APLICADA PORTARIA Nº 339, DE 12 DE AGOSTO DE 2010 INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA APLICADA PORTARIA Nº 339, DE 12 DE AGOSTO DE 2010 Dispõe sobre a implantação e o funcionamento do Programa de Cooperação Internacional - PROCIN do Instituto de Pesquisa

Leia mais

o Reitor da Universidade Federal do Piauí e Presidente do Conselho de Ensino,

o Reitor da Universidade Federal do Piauí e Presidente do Conselho de Ensino, Internet: wwwufpi.br Resolução N 190/11 CONSELHO DE ENSINO PESQUISA E EXTENSÃO DA UFPI Estabelece Normas para a Participação de Docentes em Regime de Dedicação Exclusiva "DE", em atividades Esporádicas,

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 001/DIR/2012

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 001/DIR/2012 INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 001/DIR/2012 ESTABELECE AS NORMAS E PROCEDIMENTOS DE CONCESSÃO DE ADIANTAMENTO, PARA COMPENSAR FUTURAS DESPESAS COM HOSPEDAGEM, LOCOMOÇÃO URBANA E ALIMENTAÇÃO, DE ALUNOS, TÉCNICOS,

Leia mais

PORTARIA 359 DE 20 DE JANEIRO DE

PORTARIA 359 DE 20 DE JANEIRO DE PORTARIA 359 DE 20 DE JANEIRO DE 2011 Dispõe sobre os procedimentos para conservação e devolução de livros, bem como o descarte de livros didáticos irrecuperáveis ou desatualizados no âmbito da Secretaria

Leia mais

PROGRAMA DE APOIO INSTITUCIONAL À PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU ( PROCAPS)

PROGRAMA DE APOIO INSTITUCIONAL À PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU ( PROCAPS) UNIVERSIDADE TIRADENTES Pró-Reitoria Acadêmica Pró-Reitoria Adjunta de Pós-Graduação e Pesquisa PROGRAMA DE APOIO INSTITUCIONAL À PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU ( PROCAPS) Março de 2006 REGULAMENTO DO PROGRAMA

Leia mais

Orientações para solicitação de financiamento de projetos Dinter aprovados no Edital Capes nº 13/2012

Orientações para solicitação de financiamento de projetos Dinter aprovados no Edital Capes nº 13/2012 1. Introdução Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Capes Diretoria de Programas e Bolsas no País - DPB Coordenação-Geral de Desenvolvimento Setorial e Institucional - CGSI Coordenação

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 01/2015 DO CONSELHO CURADOR DA FUNDAÇÃO DE APOIO UNIVERSITÁRIO

RESOLUÇÃO Nº 01/2015 DO CONSELHO CURADOR DA FUNDAÇÃO DE APOIO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 01/2015 DO CONSELHO CURADOR DA FUNDAÇÃO DE APOIO UNIVERSITÁRIO Define diretrizes e procedimentos relativos a gestão de recursos financeiros captados ou administrados pela Fundação de Apoio

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO UNIVERSITÁRIO R E S O L U Ç Ã O :

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO UNIVERSITÁRIO R E S O L U Ç Ã O : SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N. 662, DE 31 DE MARÇO DE 2009 Aprova o Regimento dos Órgãos Executivos da Administração Superior. O REITOR DA UNIVERSIDADE

Leia mais

R E S O L U Ç Ã O. Fica alterado o Regulamento de Estágio Supervisionado do Curso de Psicologia, do. São Paulo, 26 de abril de 2012.

R E S O L U Ç Ã O. Fica alterado o Regulamento de Estágio Supervisionado do Curso de Psicologia, do. São Paulo, 26 de abril de 2012. RESOLUÇÃO CONSEACC/SP 04/2012 ALTERA O REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE PSICOLOGIA, DO CAMPUS SÃO PAULO DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO USF. A Presidente do Conselho Acadêmico de Campus

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 007/2009

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 007/2009 INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 007/2009 FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROPPG PRÓ-REITORIA DE PLANEJAMENTO PROPLAN Disciplina no âmbito da UDESC os procedimentos

Leia mais

Farmácia Universitária

Farmácia Universitária Universidade Federal de Alfenas UNIFAL-MG Faculdade de Ciências Farmacêuticas Farmácia Universitária Regimento Interno Título I Da Farmácia Universitária Art. 1o A Farmácia Universitária da UNIFAL-MG,

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO SERVIÇO DE PSICOLOGIA APLICADA SPA da Fafich/UFMG

REGIMENTO INTERNO DO SERVIÇO DE PSICOLOGIA APLICADA SPA da Fafich/UFMG REGIMENTO INTERNO DO SERVIÇO DE PSICOLOGIA APLICADA SPA da Fafich/UFMG CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS E ATRIBUIÇÕES Art. 1 o ) O Serviço de Psicologia Aplicada, órgão complementar vinculado à Faculdade de Filosofia

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA N.º 13/CUn, de 27 setembro de 2011.

RESOLUÇÃO NORMATIVA N.º 13/CUn, de 27 setembro de 2011. RESOLUÇÃO NORMATIVA N.º 13/CUn, de 27 setembro de 2011. Dispõe sobre as normas que regulamentam as relações entre a Universidade Federal de Santa Catarina e as suas fundações de apoio. O PRESIDENTE DO

Leia mais

ROTEIRO PARA CRIAÇÃO DE CURSO E OFERTA DE TURMA DE ESPECIALIZAÇÃO

ROTEIRO PARA CRIAÇÃO DE CURSO E OFERTA DE TURMA DE ESPECIALIZAÇÃO ROTEIRO PARA CRIAÇÃO DE CURSO E OFERTA DE TURMA DE ESPECIALIZAÇÃO (Conforme a Resolução 42/03-COUN, de 05 de novembro de 2003 e suas alterações). I. PROCEDIMENTO PARA CRIAÇÃO DE NOVO CURSO: A. ABERTURA

Leia mais

Marcones Libório de Sá Prefeito

Marcones Libório de Sá Prefeito Mensagem n. 010 /2015 Salgueiro, 14 de Setembro de 2015. Senhor Presidente, Senhores (as) Vereadores (as), Considerando os princípios de descentralização e transparência, que tem levado esta administração

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 020/2006-CONSU de 22 de agosto de 2006

RESOLUÇÃO Nº 020/2006-CONSU de 22 de agosto de 2006 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 020/2006-CONSU de 22 de agosto de 2006 EMENTA: Normatiza os Afastamentos de Curta, Média e Longa Duração de Docentes.

Leia mais

Regulamenta e estabelece normas sobre os Cursos de Extensão Universitária da Universidade de São Paulo e dá outras providências.

Regulamenta e estabelece normas sobre os Cursos de Extensão Universitária da Universidade de São Paulo e dá outras providências. RESOLUÇÃO CoCEx nº 6667, de 19 de dezembro de 2013. (D.O.E. 21.12.13) (Protocolado 11.5.2443.1.5). Regulamenta e estabelece normas sobre os Cursos de Extensão Universitária da Universidade de São Paulo

Leia mais

1º O PIPG compreende as seguintes ações:

1º O PIPG compreende as seguintes ações: RESOLUÇÃO N o 005, de 25 de fevereiro de 2013. Regulamenta o Programa de Incentivo à Pós-Graduação Stricto Sensu (PIPG) da UFSJ. A PRESIDENTE DO CONSELHO DIRETOR DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL-REI

Leia mais

LEI Nº 599/2011. Artigo 1 - As consignação Pública direta e indireta do Município de Novo São Joaquim são disciplinadas por esta Lei.

LEI Nº 599/2011. Artigo 1 - As consignação Pública direta e indireta do Município de Novo São Joaquim são disciplinadas por esta Lei. LEI Nº 599/2011 DISPÕE SOBRE AS CONSIGNAÇÕES EM FOLHA DE PAGAMENTO DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS E DA OUTRAS PROVIDÊNCIAS. LEONARDO FARIAS ZAMPA, Prefeito Municipal de Novo São Joaquim MT faz saber

Leia mais

Dispõe sobre a oferta de cursos de pós-graduação lato sensu pela Universidade Federal do Pará

Dispõe sobre a oferta de cursos de pós-graduação lato sensu pela Universidade Federal do Pará Dispõe sobre a oferta de cursos de pós-graduação lato sensu pela Universidade Federal do Pará O REITOR DA, no uso das atribuições que lhe conferem o Estatuto e o Regimento Geral, obedecidas a legislação

Leia mais

EDITAL N 003/2015 PROEX SELEÇÃO DE PROPOSTAS DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA DE UNIDADES AUXILIARES DA UNESP

EDITAL N 003/2015 PROEX SELEÇÃO DE PROPOSTAS DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA DE UNIDADES AUXILIARES DA UNESP EDITAL N 003/2015 PROEX SELEÇÃO DE PROPOSTAS DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA DE UNIDADES AUXILIARES DA UNESP Seleção de propostas de extensão universitária de Unidades Auxiliares no âmbito da PROEX/UNESP para

Leia mais

CHAMADA INTERNA Nº 001/2015 - PROEXT/UNIPAMPA SELEÇÃO INTERNA DE PROPOSTAS. PROGRAMA DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA MEC/SESu. EDITAL PROEXT MEC/SESu 2016

CHAMADA INTERNA Nº 001/2015 - PROEXT/UNIPAMPA SELEÇÃO INTERNA DE PROPOSTAS. PROGRAMA DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA MEC/SESu. EDITAL PROEXT MEC/SESu 2016 CHAMADA INTERNA Nº 001/2015 - PROEXT/UNIPAMPA SELEÇÃO INTERNA DE PROPOSTAS PROGRAMA DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA MEC/SESu EDITAL PROEXT MEC/SESu 2016 1 Disposições gerais A Universidade Federal do Pampa,

Leia mais

U N I V E R S I D A D E D E S Ã O P A U L O

U N I V E R S I D A D E D E S Ã O P A U L O U N I V E R S I D A D E D E S Ã O P A U L O E S C O L A D E E N F E R M A G E M Av. Dr. Enéas de Carvalho Aguiar, 419 - CEP 05403-000 SP Tel./Fax.: (11) 3061-7531 E-mail: scex@usp.br C.P. 41633 - CEP 05422-970

Leia mais

REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE BOLSAS PARA SERVIDORES DA UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ

REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE BOLSAS PARA SERVIDORES DA UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná COUNI - Conselho Universitário da UTFPR REGULAMENTO PARA CONCESSÃO DE BOLSAS PARA SERVIDORES DA UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.169, DE 23 DE AGOSTO DE 2011

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.169, DE 23 DE AGOSTO DE 2011 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.169, DE 23 DE AGOSTO DE 2011 Disciplina o afastamento de servidores docentes e técnico-administrativos

Leia mais

RESOLUÇÃO CONEPE Nº 001/2015

RESOLUÇÃO CONEPE Nº 001/2015 RESOLUÇÃO CONEPE Nº 001/2015 Estabelece regras para o funcionamento dos cursos de pós-graduação lato sensu da Universidade Estadual do Rio Grande do Sul Uergs. O CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO ESCOLAR

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO ESCOLAR PORTARIA Nº 117/2012 ESTABELECE ORIENTAÇÕES À REALIZAÇÃO DE ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO, INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID E SERVIÇO VOLUNTÁRIO NO ÂMBITO DA SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E UNIDADES EDUCATIVAS

Leia mais

RESOLUÇÃO UNESP Nº 41, DE 17 DE OUTUBRO DE

RESOLUÇÃO UNESP Nº 41, DE 17 DE OUTUBRO DE RESOLUÇÃO UNESP Nº 41, DE 17 DE OUTUBRO DE 2011 (Publicada no D.O.E. de 18/10/11 Seção I, pág. 99) (Republicada no D.O.E. de 10/01/12 Seção I, pág. 78) Regulamenta os Cursos de Especialização da UNESP.

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N. 700, DE 19 DE SETEMBRO DE 2011

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N. 700, DE 19 DE SETEMBRO DE 2011 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N. 700, DE 19 DE SETEMBRO DE 2011 Dispõe sobre a relação entre a UFPA e as Fundações de Apoio ao Ensino, Pesquisa,

Leia mais

Centro Universitário de Brusque-UNIFEBE INSTITUTO DE PESQUISAS SOCIAIS-IPS

Centro Universitário de Brusque-UNIFEBE INSTITUTO DE PESQUISAS SOCIAIS-IPS Centro Universitário de Brusque-UNIFEBE INSTITUTO DE PESQUISAS SOCIAIS-IPS REGULAMENTO Capítulo I DOS OBJETIVOS Art. 1º - O Instituto de Pesquisas Sociais IPS é um órgão vinculado à Reitoria do Centro

Leia mais

Resolução CONSUN nº 004/2008

Resolução CONSUN nº 004/2008 Resolução CONSUN nº 004/2008 Estabelece regras para o funcionamento dos cursos de especialização da Universidade Estadual do Rio Grande do Sul UERGS. O Presidente do Conselho Superior da Universidade Estadual

Leia mais

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA GABINETE DO REITOR RESOLUÇÃO DO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO Nº 008/90

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA GABINETE DO REITOR RESOLUÇÃO DO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO Nº 008/90 UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA GABINETE DO REITOR RESOLUÇÃO DO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO Nº 008/90 Dispõe sobre o Sistema de Monitoria na UnB. O REITOR DA UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA, Presidente do

Leia mais

DECRETO Nº 3.860, DE 9 DE JULHO DE 2001

DECRETO Nº 3.860, DE 9 DE JULHO DE 2001 DECRETO Nº 3.860, DE 9 DE JULHO DE 2001 Dispõe sobre a organização do ensino superior, a avaliação de cursos e instituições, e dá outras providências. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso das atribuições

Leia mais

CONSELHO SUPERIOR. O CONSELHO SUPERIOR DA FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI PORTO ALEGRE, no uso de suas atribuições regimentais; RESOLVE:

CONSELHO SUPERIOR. O CONSELHO SUPERIOR DA FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI PORTO ALEGRE, no uso de suas atribuições regimentais; RESOLVE: CONSELHO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº. 48, de 15 de fevereiro de 2013. Revoga a Resolução nº 6, de 05 de dezembro de 2007 que implantou a Monitoria na Faculdade e aprova o Regulamento da Monitoria na Faculdade

Leia mais

Norma para capacitação de docentes para aperfeiçoamento, especialização, mestrado, doutorado ou pósdoutorado

Norma para capacitação de docentes para aperfeiçoamento, especialização, mestrado, doutorado ou pósdoutorado Norma para capacitação de docentes para aperfeiçoamento, especialização, mestrado, doutorado ou pósdoutorado 1 O Conselho de Ensino, Pesquisa, Extensão e Administração (Cepead) da Universidade Federal

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N. 674, DE 19 DE MAIO DE 2009

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N. 674, DE 19 DE MAIO DE 2009 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N. 674, DE 19 DE MAIO DE 2009 REVOGADA pela Resolução n. 679, de 17 de novembro de 2009 Institui o Programa de Prestação

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE COLEGIADO PLENO DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE COLEGIADO PLENO DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE COLEGIADO PLENO DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 04/2015 Aprova a criação do Núcleo Unidade EMBRAPII Software e Automação, do Centro

Leia mais

MARLY GUIMARÃES FERNANDES COSTA Vice-Presidente

MARLY GUIMARÃES FERNANDES COSTA Vice-Presidente UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAZONAS CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 2/2013-CONSUNIV Dispõe sobre diretrizes para estruturação e organização curricular dos Cursos de Graduação da UEA e dá outras providências.

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA UEPB PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO PROEX PROGRAMA DE APOIO A PROJETOS DE EXTENSÃO PROAPEX.

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA UEPB PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO PROEX PROGRAMA DE APOIO A PROJETOS DE EXTENSÃO PROAPEX. UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA UEPB PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO PROEX PROGRAMA DE APOIO A PROJETOS DE EXTENSÃO PROAPEX. EDITAL Nº 005/2015/UEPB/PROEX/PROAPEX PROCESSO SELETIVO DO PROAPEX COTA 2015-2016

Leia mais

Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Conselho de Pesquisa e Pós-Graduação.

Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Conselho de Pesquisa e Pós-Graduação. Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Conselho de Pesquisa e Pós-Graduação. Resolução nº. 047/13-COPPG Curitiba, 06 de dezembro de 2013 O CONSELHO PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DA

Leia mais

Original assinado Vicente Pereira de Almeida Presidente do CS

Original assinado Vicente Pereira de Almeida Presidente do CS SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA GOIANO CONSELHO SUPERIOR RESOLUÇÃO Nº 037/2013 DE 27

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 3.529, DE 12 DE JUNHO DE 2007

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 3.529, DE 12 DE JUNHO DE 2007 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 3.529, DE 12 DE JUNHO DE 2007 Dispõe sobre a oferta de cursos de pósgraduação lato sensu

Leia mais

ATO ESPECIAL Nº. 017/2012 Santarém, 29 de março de 2012.

ATO ESPECIAL Nº. 017/2012 Santarém, 29 de março de 2012. ATO ESPECIAL Nº. 017/2012 Santarém, 29 de março de 2012. O Diretor Geral das Faculdades Integradas do Tapajós FIT, no uso de suas atribuições legais e regimentais, e, CONSIDERANDO que as Faculdades Integradas

Leia mais

O CONSELHO UNIVERSITÁRIO - CONSU DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO TRIÂNGULO MINEIRO, no uso de suas atribuições estatutárias e regimentais, RESOLVE:

O CONSELHO UNIVERSITÁRIO - CONSU DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO TRIÂNGULO MINEIRO, no uso de suas atribuições estatutárias e regimentais, RESOLVE: MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO TRIÂNGULO MINEIRO Uberaba-MG RESOLUÇÃO N 4 DE 29 DE JUNHO DE 2015, DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO DA UFTM Estabelece normas para realização de Estágio Pós- Doutoral

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N. 679, DE 17 DE NOVEMBRO DE 2009

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N. 679, DE 17 DE NOVEMBRO DE 2009 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N. 679, DE 17 DE NOVEMBRO DE 2009 Institui o Programa de Prestação de Trabalho Voluntário. O REITOR DA UNIVERSIDADE

Leia mais

PORTARIA Nº 3064, de 5 de novembro de 1998

PORTARIA Nº 3064, de 5 de novembro de 1998 PORTARIA Nº 3064, de 5 de novembro de 1998 A REITORA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL, no uso de suas atribuições e tendo em vista o que consta no Programa Tecnológico, que integra o Plano

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL VALE DO ACARAÚ UVA PRÓ-REITORIA DE ASSUNTOS ESTUDANTIS - PROARES. Edital 04/2014

UNIVERSIDADE ESTADUAL VALE DO ACARAÚ UVA PRÓ-REITORIA DE ASSUNTOS ESTUDANTIS - PROARES. Edital 04/2014 UNIVERSIDADE ESTADUAL VALE DO ACARAÚ UVA PRÓ-REITORIA DE ASSUNTOS ESTUDANTIS - PROARES Edital 04/2014 Dispõe sobre a disposição e liberação de recursos para a participação de discentes em eventos científico-culturais

Leia mais

GABINETE DO MINISTRO

GABINETE DO MINISTRO GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 1.007, DE 9 DE OUTUBRO DE 2013. Altera a Portaria MEC nº 168, de 07 de março de 2013, que dispõe sobre a oferta da Bolsa-Formação no âmbito do Programa Nacional de Acesso

Leia mais

RESOLUÇÃO CONSEPE 19/2007

RESOLUÇÃO CONSEPE 19/2007 RESOLUÇÃO CONSEPE 19/2007 ALTERA O REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO, DO CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA, MODALIDADE LICENCIATURA DO CÂMPUS DE BRAGANÇA PAULISTA DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO. O Vice-Reitor

Leia mais

REGULAMENTO DE VIAGENS, CONCESSÃO DE DIÁRIAS E DESPESAS

REGULAMENTO DE VIAGENS, CONCESSÃO DE DIÁRIAS E DESPESAS REGULAMENTO DE VIAGENS, CONCESSÃO DE DIÁRIAS E DESPESAS Dispõe sobre a concessão de diárias e despesas pagas aos funcionários, colaboradores, consultores, prestadores de serviços e Diretores da Associação

Leia mais

RESOLUÇÃO DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO (CONSUNI) N.º 03/2011

RESOLUÇÃO DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO (CONSUNI) N.º 03/2011 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS RESOLUÇÃO DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO (CONSUNI) N.º 03/2011 Dispõe sobre as normas gerais para a celebração de contratos ou convênios da Universidade

Leia mais

FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL - FMAS

FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL - FMAS FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL Órgão/Sigla: Natureza Jurídica: Vinculação: Finalidade: FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL - FMAS FUNDO SECRETARIA MUNICIPAL DO TRABALHO, ASSISTÊNCIA SOCIAL E DIREITOS

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 74/2010

RESOLUÇÃO Nº 74/2010 RESOLUÇÃO Nº 74/2010 Institui e regulamenta o estágio supervisionado curricular nos cursos de graduação da UFES. O CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO, no

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MORRINHOS Estado de Goiás LEI N. 1.233, DE 28 DE DEZEMBRO DE 1.993. O PREFEITO MUNICIPAL DE MORRINHOS,

PREFEITURA MUNICIPAL DE MORRINHOS Estado de Goiás LEI N. 1.233, DE 28 DE DEZEMBRO DE 1.993. O PREFEITO MUNICIPAL DE MORRINHOS, LEI N. 1.233, DE 28 DE DEZEMBRO DE 1.993. Institui o Fundo Municipal de Saúde e da outras providencias.. O PREFEITO MUNICIPAL DE MORRINHOS, Faço saber que a Câmara Municipal aprovou e eu, Prefeito Municipal,

Leia mais

EDITAL N.º 005/2015 - SE/JF Processo para participação no Fundo de Apoio à Pesquisa na Educação Básica FAPEB

EDITAL N.º 005/2015 - SE/JF Processo para participação no Fundo de Apoio à Pesquisa na Educação Básica FAPEB EDITAL N.º 005/2015 - SE/JF Processo para participação no Fundo de Apoio à Pesquisa na Educação Básica FAPEB O Secretário de Educação de Juiz de Fora, no uso de suas atribuições e nos termos da Lei n.º

Leia mais

I - Proposto: pessoa que viaja e presta contas da viagem realizada;

I - Proposto: pessoa que viaja e presta contas da viagem realizada; 1 PORTARIA MEC 403/2009 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 403, DE 23 DE ABRIL DE 2009 Dispõe sobre a solicitação, autorização, concessão e prestação de contas de diárias, passagens

Leia mais

Art. 2º. Fazer publicar esta Portaria em Boletim de Serviço, revogando-se a Portaria 577/05-R, de 05 de dezembro de 2005.

Art. 2º. Fazer publicar esta Portaria em Boletim de Serviço, revogando-se a Portaria 577/05-R, de 05 de dezembro de 2005. PORTARIA 328/R-06 DE 22 DE JUNHO DE 2006. O REITOR DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE, no uso da competência que lhe foi atribuída pelo artigo 39, inciso XX, do Regimento Geral da UFRN; CONSIDERANDO

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 62 DE 26 DE SETEMBRO DE 2013

RESOLUÇÃO Nº 62 DE 26 DE SETEMBRO DE 2013 RESOLUÇÃO Nº 62 DE 26 DE SETEMBRO DE 2013 O CONSELHO UNIVERSITÁRIO da Universidade Federal do Pampa, em sua 45ª Reunião Ordinária, realizada no dia 26 de setembro de 2013, no uso das atribuições que lhe

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MONTES CLAROS SECRETARIA DOS CONSELHOS RESOLUÇÃO Nº 195- CEPEX/2007

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MONTES CLAROS SECRETARIA DOS CONSELHOS RESOLUÇÃO Nº 195- CEPEX/2007 RESOLUÇÃO Nº 195- CEPEX/2007 APROVA O REGULAMENTO DA EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA NO ÂMBITO DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MONTES CLAROS - UNIMONTES O Reitor e Presidente do CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO

Leia mais

MUNICÍPIO DE PANAMBI RS

MUNICÍPIO DE PANAMBI RS DECRETO MUNICIPAL Nº 064/2014, DE 02 DE JULHO DE 2014. REGULAMENTA A LEI MUNICIPAL 3.681/2013, INSTITUIDORA DO FUNDO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA PESSOA IDOSA E DA OUTRAS PROVIDENCIAS. Miguel Schmitt Prym,

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CONSELHO UNIVERSITÁRIO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CONSELHO UNIVERSITÁRIO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 12/2011/CONSU Estabelece normas para o relacionamento entre a Universidade Federal de

Leia mais

PROGRAMA DE BOLSAS DE FORMAÇÃO ACADÊMICA MODALIDADE: MESTRADO E DOUTORADO

PROGRAMA DE BOLSAS DE FORMAÇÃO ACADÊMICA MODALIDADE: MESTRADO E DOUTORADO PROGRAMA DE BOLSAS DE FORMAÇÃO ACADÊMICA MODALIDADE: MESTRADO E DOUTORADO EDITAL Nº. 01/2008 O Presidente da Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico FUNCAP, Prof. Tarcísio

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 86, DE 21 DE MARÇO DE 2012. (Publicada no DOU, Seção 1, de 07/05/2012, pág. 77)

RESOLUÇÃO Nº 86, DE 21 DE MARÇO DE 2012. (Publicada no DOU, Seção 1, de 07/05/2012, pág. 77) RESOLUÇÃO Nº 86, DE 21 DE MARÇO DE 2012 (Publicada no DOU, Seção 1, de 07/05/2012, pág. 77) Dispõe sobre o Portal da Transparência do Ministério Público. O CONSELHO NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO, no exercício

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU R E G I M E N T O G E R A L PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Regimento Geral PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Este texto foi elaborado com as contribuições de um colegiado de representantes da Unidades Técnico-científicas,

Leia mais

O GOVERNADOR DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO

O GOVERNADOR DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO DECRETO Nº.1478-R de 14 de Abril de 2005 Regulamenta a Lei Complementar nº290, de 23 de junho de 2004, publicada no Diário Oficial do Estado em 25 de junho de 2004, que dispõe sobre a criação da Fundação

Leia mais

RESOLUÇÃO N 92/13 CEPE

RESOLUÇÃO N 92/13 CEPE RESOLUÇÃO N 92/13 CEPE Aprova normas de dispensa de Disciplinas, de Equivalência de Disciplinas, de Exames de Adiantamento e Aproveitamento de Conhecimento nos cursos de graduação da Universidade Federal

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 031/2009 CONSUNI (Alterado pela Resolução 006/2014 CONSUNI)

RESOLUÇÃO Nº 031/2009 CONSUNI (Alterado pela Resolução 006/2014 CONSUNI) RESOLUÇÃO Nº 031/2009 CONSUNI (Alterado pela Resolução 006/2014 CONSUNI) Cria o Programa Institucional de Serviços Voluntários da Fundação Universidade do Estado de Santa Catarina UDESC, e dá outras providências.

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Brasília EDITAL Nº 007/RIFB, DE 28 DE ABRIL DE 2015.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Brasília EDITAL Nº 007/RIFB, DE 28 DE ABRIL DE 2015. EDITAL Nº 007/RIFB, DE 28 DE ABRIL DE 2015. SELEÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS E VOLUNTARIADO EM INICIAÇÃO CIENTÍFICA NAS AÇÕES AFIRMATIVAS (ENSINO

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO, CIÊNCIAS CONTÁBEIS E CIÊNCIAS ECONÔMICAS

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO, CIÊNCIAS CONTÁBEIS E CIÊNCIAS ECONÔMICAS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO, CIÊNCIAS CONTÁBEIS E CIÊNCIAS ECONÔMICAS Regulamento Específico do Curso de Especialização em Auditoria e Controle Gerencial

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 30, DE 28 DE ABRIL DE 2011

RESOLUÇÃO Nº 30, DE 28 DE ABRIL DE 2011 RESOLUÇÃO Nº 30, DE 28 DE ABRIL DE 2011 Dispõe sobre as normas para a pós-graduação na modalidade lato sensu ofertada pela Universidade Federal do Pampa. O CONSELHO UNIVERSITÁRIO da Universidade Federal

Leia mais

DELIBERAÇÃO CONSUNI Nº 041/2014

DELIBERAÇÃO CONSUNI Nº 041/2014 DELIBERAÇÃO CONSUNI Nº 041/2014 Aprova o Estatuto da Fundação Caixa Beneficente dos Servidores da Universidade de Taubaté (Funcabes). O CONSELHO UNIVERSITÁRIO, na conformidade do Processo nº FUNCABES-

Leia mais

A CÂMARA MUNICIPAL DE CASTRO, ESTADO DO PARANÁ decretou e eu PREFEITO MUNICIPAL sanciono a presente LEI: SEÇÃO I.

A CÂMARA MUNICIPAL DE CASTRO, ESTADO DO PARANÁ decretou e eu PREFEITO MUNICIPAL sanciono a presente LEI: SEÇÃO I. LEI Nº 2927/2014 Estabelece o Regime de Diárias e Adiantamentos do Poder Legislativo, normas para o pagamento de despesas e revoga a Lei nº. 2.887/2014. A CÂMARA MUNICIPAL DE CASTRO, ESTADO DO PARANÁ decretou

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO ESCOLA DE ENFERMAGEM COMISSÃO DE CULTURA E EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO ESCOLA DE ENFERMAGEM COMISSÃO DE CULTURA E EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA Norma para realização dos Cursos de Extensão Universitária (Especialização, Aperfeiçoamento, Atualização e Difusão) no âmbito da Escola de Enfermagem da Universidade de São Paulo - EEUSP (Aprovada na 348ª

Leia mais

Lourisvaldo Valentim da Silva Presidente do CONSU

Lourisvaldo Valentim da Silva Presidente do CONSU RESOLUÇÃO Nº 928/2012 - Aprova o Regulamento do Programa de Bolsas de Extensão (PROBEX). Pró-Reitoria de Extensão (PROEX). O CONSELHO UNIVERSITÁRIO (CONSU) da Universidade do Estado da Bahia (UNEB), no

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO RESOLUÇÃO Nº 110/10. Fixa as normas para os cursos de especialização e aperfeiçoamento do IFPR. O CONSELHO SUPERIOR DO INSTITUTO FEDERAL DO PARANÁ, no uso de suas atribuições legais e estatutárias, e,

Leia mais

Orientações Básicas. FAPERGS Edital 16/2013 TECNOVA/RS

Orientações Básicas. FAPERGS Edital 16/2013 TECNOVA/RS 1 FAPERGS Edital 16/2013 Orientações Básicas Execução Financeira dos Recursos de Subvenção Econômica FAPERGS Edital 16/2013 TECNOVA/RS 2 1. Regras Básicas Vedado alteração do objeto do Termo de Subvenção

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 022/2010-CONSU De 24 de novembro de 2010

RESOLUÇÃO Nº 022/2010-CONSU De 24 de novembro de 2010 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ SECRETARIA GERAL DOS CONSELHOS SUPERIORES RESOLUÇÃO Nº 022/2010-CONSU De 24 de novembro de 2010 EMENTA: Revoga a Resolução nº 020/06-CONSU e Normatiza

Leia mais

INSTRUÇÃO INTERNA DE PROCEDIMENTOS IIP Nº 005, de 24 de agosto de 2011 (*)

INSTRUÇÃO INTERNA DE PROCEDIMENTOS IIP Nº 005, de 24 de agosto de 2011 (*) INSTRUÇÃO INTERNA DE PROCEDIMENTOS IIP Nº 005, de 24 de agosto de 2011 (*) Disciplina no âmbito do IFPR as Orientações acerca da Execução Orçamentária e Financeira, relativas à Concessão de Suprimentos

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE COLEGIADO PLENO DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE COLEGIADO PLENO DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE COLEGIADO PLENO DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 13/2010 Aprova o Regimento Interno do Núcleo de Inovação e Transferência de Tecnologia

Leia mais

Regulamento de Estágio

Regulamento de Estágio Regulamento de Estágio Capitulo I - Do Estágio e suas Finalidades Capitulo II - Da Forma de Realização Capitulo III - Da Inscrição, Duração e Encerramento do Estágio Capitulo IV - Do Acompanhamento e Avaliação

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAZONAS CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N. 19/2014-CONSUNIV

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAZONAS CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N. 19/2014-CONSUNIV UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAZONAS CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N. 19/2014-CONSUNIV Dispõe da aprovação do Regimento Geral de Pós- Graduação Lato Sensu. O CONSELHO UNIVERSITÁRIO DA UNIVERSIDADE DO

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI N o 10.880, DE 9 DE JUNHO DE 2004. Conversão da MPv nº 173, de 2004 Institui o Programa Nacional de Apoio ao Transporte do Escolar

Leia mais

RESOLUÇÃO N 49, DE 27 DE SETEMBRO DE 2012

RESOLUÇÃO N 49, DE 27 DE SETEMBRO DE 2012 RESOLUÇÃO N 49, DE 27 DE SETEMBRO DE 2012 O CONSELHO UNIVERSITÁRIO da Universidade Federal do Pampa, em sua 33ª Reunião Ordinária, realizada no dia vinte e sete de setembro de 2012, no uso das atribuições

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 25/11-CEPE R E S O L V E:

RESOLUÇÃO Nº 25/11-CEPE R E S O L V E: RESOLUÇÃO Nº 25/11-CEPE Fixa normas para execução do Programa Bolsa Extensão da Universidade Federal do Paraná. O CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO da Universidade Federal do Paraná, órgão normativo,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO SECRETARIA DOS ÓRGÃOS COLEGIADOS

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO SECRETARIA DOS ÓRGÃOS COLEGIADOS UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO SECRETARIA DOS ÓRGÃOS COLEGIADOS DELIBERAÇÃO N 0 53, DE 30 DE ABRIL DE 2014 O CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO

Leia mais

1.3 Em nenhuma hipótese a Bolsa de Estudos será convertida em dinheiro para o aluno e/ou seu responsável financeiro.

1.3 Em nenhuma hipótese a Bolsa de Estudos será convertida em dinheiro para o aluno e/ou seu responsável financeiro. EDITAL Nº 03, de 17 de dezembro de 2014 A DIRETORA do INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO NOSSA SENHORA DE SION, no uso das atribuições que lhe confere o Regimento Interno da instituição, e em conformidade

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa DECRETO Nº 49.377, DE 16 DE JULHO DE 2012. (publicado no DOE n.º 137, de 17 de julho de 2012) Institui o Programa

Leia mais