EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA MONITORIA 2015 FACISA/FCM/ESAC NORMAS

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA MONITORIA 2015 FACISA/FCM/ESAC NORMAS"

Transcrição

1 EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA MONITORIA 25 FACISA/FCM/ESAC O Centro de Ensino Superior e Desenvolvimento CESED torna público aos alunos interessados que, nos dias 06, 09 e 10 de março, no horário das 08h às 12h30 e das 15h às 17h30, na Coordenação de Monitoria, estarão abertas as inscrições à Seleção de Monitores, em conformidade com a Resolução CTA/FACISA//2009, CTA/ESAC//2009 e CTA/FCM//2009, para os seguintes cursos da FACISA, FCM e ESAC: NORMAS Poderão inscrever-se, no processo de seleção, os alunos que tenham integralizado o componente curricular, objeto da seleção, e nele obtido média de aprovação igual ou superior a 8,0 (oito), comprovada no histórico escolar; No ato da inscrição, o candidato deverá apresentar o histórico escolar e preencher o requerimento fornecido pelo setor competente; A classificação dos candidatos, até o limite do número de vagas, obedecerá à ordem decrescente da média aritmética das notas obtidas. a. cada prova (teórica ou prática) e Histórico Escolar exige-se nota igual ou superior a 8,0; b. soma-se a nota obtida no histórico escolar mais a nota da(s) prova(s) e divide-se por 2 (dois) e/ou por 3 (três) conforme o caso; c. caso o candidato tenha cursado a disciplina em dois períodos, somam-se essas duas notas mais a nota da prova e divide-se por 3 (três); d. em caso de empate, será classificado o candidato que apresentar no histórico escolar o maior coeficiente, persistindo o empate, será classificado o de mais idade; e. será desclassificado o candidato que obtiver nota inferior a 8,0 (oito) em qualquer prova (teórica ou prática). O aluno da FCM, dos cursos de Fisioterapia e Enfermagem, classificado em 1º lugar no processo seletivo, receberá, a título de bolsa, desconto de 35% do valor do salário mínimo vigente, descontado na mensalidade do curso e exercerá suas atividades, sem nenhum vínculo empregatício, sob a orientação de um professor, em regime de 08 horas (oito) horas semanais de atividade; O aluno da FCM do curso de Medicina, classificado em 1º lugar no processo seletivo, receberá, a título de bolsa, desconto de 70% do valor do salário mínimo vigente, descontado na mensalidade do curso e exercerá suas atividades, sem nenhum vínculo empregatício, sob a orientação de um professor, em regime de 12 horas (doze) horas semanais de atividade; O aluno da FACISA classificado em 1º lugar no processo seletivo receberá, a título de bolsa, desconto de 35% do valor do salário mínimo vigente, descontado na mensalidade do curso e exercerá suas atividades, sem nenhum vínculo empregatício, sob a orientação de um professor, em regime de 08 horas (oito) horas semanais de atividade;

2 O aluno da ESAC classificado em 1º lugar no processo seletivo receberá, a título de bolsa, desconto de 35% do valor do salário mínimo vigente, descontado na mensalidade do curso e exercerá suas atividades, sem nenhum vínculo empregatício, sob a orientação de um professor, em regime de 08 horas (oito) horas semanais de atividade; Alunos bolsistas do CESED, se classificados no Processo Seletivo, não farão jus à bolsa; Os alunos bolsistas do PROUNI receberão um incentivo de estudo da Fundação Pedro Américo, mediante parceria feita com o CESED, obedecendo ao que determina a Resolução CTA FACISA /2009, Artigo 8º, incisos I e II; da Resolução CTA FCM /2009, Artigo 8º, incisos I, II e III; Os descontos especiais concedidos pela instituição, os concedidos a título de incentivo à Monitoria, Estágio e Extensão, Programa de Iniciação Científica e outros aqui não especificados e que possam surgir no curso da relação contratual, não se acumularão, não sendo permitido ao mesmo aluno a sobreposição ou acúmulo destes descontos. Poderão participar ainda do projeto de monitoria, a critério da Instituição, outros candidatos aprovados, porém não classificados, atuando estes como voluntários tendo direito ao certificado de monitor; O horário das atividades do monitor será orientado pela Coordenação de Monitoria, ouvido o professor orientador, e não poderá, em hipótese alguma, coincidir com o horário de aulas dos componentes curriculares em que estiver matriculado; Não será permitido, para o mesmo aluno, o acúmulo de bolsa monitoria com bolsa do Programa de Iniciação Científica; O aluno que não entregar o relatório final referente à monitoria, para a qual foi selecionado, não terá direito ao certificado de monitor; O aluno deverá apresentar, até o último dia útil do mês, o controle de atendimento aos alunos à Coordenação de Monitoria. No caso de Monitor Bolsista, este prazo não poderá ser descumprido, sob pena de não ter direito ao desconto na mensalidade referente ao mês seguinte à atuação do monitor. OBSERVAÇÃO: DATA E HORÁRIO DAS PROVAS SERÃO INFORMADOS APÓS O ENCERRAMENTO DAS INSCRIÇÕES Os componentes que exigirem prova prática, o horário e data serão anunciados no dia da prova teórica. Em anexo as monitorias por IES e curso. Os componentes que não constarem o conteúdo para estudo, contactar o professor. Campina Grande - PB, 03 de março de 24 Gisele Bianca Nery Gadelha Diretora-Presidente do CESED

3 PROCESSO SELETIVO MONITORIA 25 FCM Professor(a) Período Vagas Seleção Conteúdo Programático Componente Curricular Anatomia Humana Luciana Karla 1º 1ª. Etapa: Teórico-Prática 6 (Eliminatória e Classificatória) (Sendo 2ª. Etapa: Entrevista/ bolsa e 05 Apresentação Oral ) (Classificatória) 1ª. Etapa - Prática (Eliminatória e Classificatória) Anatomia do Sistema 4 Luciana Karla 3º 2ª. Etapa: Entrevista/ Cardiovascular e Respiratório Apresentação Oral (Classificatória) 1ª.Etapa - Prática (Eliminatória 6 e Classificatória) Neuroanatomia e Anatomia (Sendo Luciana Karla 4º 2ª. Etapa Entrevista/ do Aparelho Locomotor bolsa e 05 Apresentação Oral ) (Classificatória) 1ª. Etapa: Prática Anatomia do Digestório 3 (Eliminatória e Classificatória) Thiago Assis 2ª. Etapa: Entrevista (Classificatória Histologia e Embriologia 1ª. Etapa: Prática 4 Gerais Thiago Assis - (Eliminatória e Classificatória); 2ª. Etapa: Entrevista Cabeça, Pescoço, Dorso, Tórax, Abdômen, Pelve, Membros Superiores, Inferiores e Neuroanatomia. Obs: A bibliografia indicada encontra-se no Plano de Ensino da disciplina. Sistema Respiratório, Parede Torácica Muscular e Esquelética, Mediastino, Coração, Vasculatura Cardíaca e Vascularização dos Membros Superiores e Inferiores (Artérias e Veias) Obs: A bibliografia indicada encontra-se no Plano de Ensino da disciplina. Anatomia Macroscópica do Sistema Nervoso Central (Encéfalo e Medula Espinhal) e Microscopia (Vias Nervosas Ascendentes e Descendentes) Osteologia, Articulações, Músculos, Vascularização (Artérias e Veias) de Membros Superiores e Inferiores, Plexo Braquial e Lombossacral/ Áreas de Importância Clínica dos Membros Superiores e Inferiores. Obs: A bibliografia indicada encontra-se no Plano de Ensino da disciplina. Anatomia externa e interna, relações, irrigação, drenagem venosa, linfática e inervação das vísceras que compõem o sistema digestório. Gametogênese, tecidos epitelial, conjuntivo, muscular e nervoso.

4 (Classificatória) Estrutura dos Ácidos Nucléicos e Replicação do DNA; Organização Cromossômica e Ciclo Celular; Genoma humano e Estrutura Gênica; Código Genético e Expressão Genética Bruno Schamber Reis e Juliana G. Carneiro - 3 e Oral Gênica; Mutações, Polimorfismos e Reparo de DNA; Padrões de Herança mendeliana e não-mendeliana; Citogenética;Farmacogenética e Terapia Celular. OBS: Bibliografia Indicada: - JORDE, C. Genética Médica. 4.ed. Guanabara Koogan. - Thompson & Thompson. Genética Médica. 6. ed.elsevier. - Lehningeret al. Princípios de Bioquímica. 4.ed. Sarvier. Microbiologia Juliana Garcia - 6 Teórico-Prática (Laboratório) e Entrevista Estrutura celular, Crescimento e Identificação bacteriana, Bacteriologia: estafilococos, estreptococos e entorobactérias; Quimioterapia antimicrobiana; Micologia: Propriedades gerais e cultivo de fungos; Virologia (Aspectos Gerais). Habilidades Básicas IV Isaac Newton - 8 Avaliação e Prática Atendimento a um Caso Clínico Parasitologia Gláucia Veríssimo - 4 Amebíase e amebas de vida livre; Giardíase; Tricomoníase Leishmaníase; Tripanossomíase; Os plasmódios e a malária; Toxoplasmose; Ascaridíase; Enterobíase; Esquistossomíase; Ancilostomíase e larva migrans. Células e tecidos do sistema imune; Imunidade inata e inflamação; Anticorpos e Imunologia Gláucia Veríssimo - 5 antígenos; Moléculas do MHC e apresentação de antígenos aos linfócitos T; Ativação de linfócitos T; Imunidade celular; Hipersensibilidade imediata; Tolerância imunológica e autoimunidades; Vacinas Histologia Ana Jeanine Janaina 4º 2 Prática e Entrevista - Sistema Nervoso Central, Sistema Nervoso Periférico, Sistema Digestório e Sistema Endócrino Habilidades Básicas I Sueli Almeida - 3 e Prática Avaliação : Drenos; Esterilização; Equipe Cirúrgica; Período Peri operatório; Vias de Administração de Medicamentos; Úlceras por Pressão; Sonda Nasoenteral e

5 Sonda Nasogástrica, Cateterismo Vesical Avaliação Prática: Escovação Cirúrgica, Vestir Capote, Calçar Luvas Técnicas essenciais para abertura das vias aéreas; Vias aéreas não invasivas; Métodos Habilidades Básicas II (Suporte Básico de Vida em Emergências) André Teixeira 3º 5 Prática de oferta de oxigênio; Obstrução de Vias aéreas por corpo estranho; Diagnóstico de PCR adulto, criança e Bebê; Técnicas de ressuscitação com um e dois socorristas adulto, criança e bebê. Antônio Inglês Médico Henriques Semiologia Neurológica Alba 4º Semiologia Geral Estudo Interdisciplinar 8 Sendo: (3 para o 1º Periodo; 2 para o 3º Periodo; 2 para o 4º Periodo) Sendo: 1 para 1º Período, 1 para 2º Período e 1 para 3º e Entrevista

6 Período Clínica Integrada I - 2 Cardiologia Clínica Integrada I - 2 Pneumologia Clínica Integrada I - 2 Infectologia Clínica Integrada I - 2 Psiquiatria Clínica Integrada II 2 Endocrinologia Clínica Integrada II - 2 Gastroenterologia Clínica Integrada II - 2 Reumatologia Clínica Integrada II - 2 Dermatologia Lesões celulares reversíveis e irreversíveis; Morfologia do dano celular (necrose e Patologia Mecanismos de Agressão e Defesa Ricella Sousa 2º 1 apoptose); Inflamação aguda e crônica; Reparo e cicatrização; Hemostasia e trombose; Biologia do crescimento tumoral; Bases moleculares do câncer e carcinogênese. prática com peças anatômicas patológicas e lâminas Anatomia Patológica Ciências Clínicas e Cirúrgica II Ricella Sousa 6º 2 histopatológicas. Os candidatos deverão apresentar o diagnóstico anatomopatológico para as exposições macroscópicas e Esofagites, Doença do Refluxo Gastroesofágico e Esôfago de Barret; Gastrites; Úlcera péptica; Neoplasias Gástricas; Doença Inflamatória Intestinal; Neoplasias Intestinais; Hepatites virais e Doença Hepática Alcoólica; Tiroidites e Neoplasias da Tireoide. microscópicas.

7 ENFERMAGEM Componente Curricular Período Vagas Monitoria Conteúdo Programático Conteúdo Programático Prática Seleção Anatomia bolsa (noturno) e voluntário (diurno) voluntário diurno e Biologia Molecular bolsa noturno Bioquímica voluntário diurno e noturno Enfermagem em Urgências e Emergências voluntário diurno Sistema nervoso; Sistema cárdio-vascular; Sistema respiratório; Sistema nervoso; Sistema cárdio-vascular; Sistema respiratório; Sistema genital masculino e Sistema genital masculino e feminino; feminino; Sistema digestório. Sistema digestório. Organelas Citoplasmáticas Não se aplica Estrutura, Classificação, Funções e metabolismo de: Não se aplica Proteínas; Carboidratos; Lipídios; Ácidos Núcléicos. Urgências e Emergências Clínicas; Urgências e Emergências Traumáticas; Desobstrução de vias aéreas; Ressuscitação; cardiopulmonar; Queimaduras; Hemorragias Alterações numéricas e estruturais Genética e Evolução voluntário diurno e noturno de cromossomos Citogênica e cariotipagemn Não se aplica Lei da evolução

8 Farmacologia Aplicada a Enfermagem voluntário diurno e noturno voluntário diurno e Semiologia e Semiotécnica em Enfermagem I noturno voluntário noturno Semiologia e Semiotécnica em Enfermagem II voluntários (diurno) Enfermagem em UTI bolsa (diurno) Enfermagem em Centro Cirúrgico voluntário (diurno) Dosagem em Pediatria Fracionamento de Doses Diluição de Medicamentos Cálculo de Insulina Não se aplica Cálculo de Penicilinas Soluções Endovenosas Cálculo de Gotejamento Administração de - Administração de medicamentos medicamentos - Oxigenoterapia - Oxigenoterapia - Sinais vitais - Sinais vitais - Biossegurança - Higiene corporal - Higienização das mãos Cateterismo vesical feminino Exame físico Neurológico e masculino de alivio e de Exame físico Digestório demora; Exame físico Respiratório Cateterismo Nasogástrico e Exame físico Cardiovascular Nasointestinal; Reanimação cardiorrespiratória; Intubação orotraqueal; Terapia farmacológica em clientes de alta complexidade e uso de bomba de infusão; Edema agudo de pulmão; Síndrome Coronariana; Balanço Hídrico Planta física do CC; Sala de Dobrar capote; Escovação recuperação pós-anestésica; cirúrgica, vestir capote; Equipe cirúrgica; Métodos de Identificação do esterilização e validação; Central instrumental básico

9 de materiais; Unidade de eletrocirurgia; Instrumental cirúrgico Gametogênese; Tecido epitelial; Histologia e Embriologia voluntário diurno e noturno Tecido conjuntivo; Tecido muscular; Tecido nervoso; Células Não se aplica do sangue NUTRIÇÃO Componente Curricular Período Vagas Monitoria Conteúdo Programático Seleção Fundamentos de Genética 1º 2 2 Anatomia I 1º 2 bolsa e Química Geral 1º 1 1- Estrutura do DNA; 2- Replicação; 3 - Ciclo celular; 4 - Transcrição, tradução; 5- Código Genético; 6 Polimorfismo e mutação e reparo DNA; 7 - Conceitos de nutrigenômica e qualidade de vida; 8 - Nutrigenômica e nutrigenética nas doenças humanas. 1 - Introdução a anatomia; 2 - Osteologia; 3 - Artrologia; 4 - Miologia; 5 - Anatomia do sistema cardiovascular. 1 - Estrutura atômica 2 - Tabela periódica. teórica prática (Eliminatório e classificatório); Entrevista (Classificatório) teórica

10 FISIOTERAPIA Componente Curricular Período Vagas Monitoria Conteúdo Programático Seleção Anatomia aparelho locomotor 1º diurno noturno diurno bolsa noturno Anatomia sistêmica 1º diurno noturno diurno bolsa noturno Sistema nervoso; Sistema Cárdio-vascular; Sistema Respiratório; Sistema digestório; Sistema genital masculino e feminino prova teórica e prova prática Biologia celular e molecular 1º diurno bolsa Histologia e embriologia 1º diurno noturno Anatomia macroscópica da medula espinhal; Anatomia prova teórica e Neuroanatomia funcional 2º diurno noturno macroscópica do tronco encefálico; Anatomia macroscópica do cerebelo; Anatomia macroscópica do diencéfalo; Anatomia macroscópica do telencéfalo; Meninges; Vascularização do prova prática Sistema nervoso Central; Plexo braquial. Biofísica 2º diurno noturno Bioestatística 2º diurno noturno Fisiologia 2º diurno noturno Bioquímica 2º diurno noturno

11 Patologia Geral 2º diurno noturno Farmacologia 3º diurno noturno Cinesiologia e biomecânica 3º diurno noturno - Avaliação Primária e Secundária da Vítima; - Métodos de Desobstrução e Ventilação das Vias Aéreas; Primeiros socorros 4º diurno noturno - Ressuscitação Cardiopulmonar; - Avaliação Neurológica da Vítima; - Imobilização da Vítima em prancha longa; colocação do colete e Prática cervical. obs: A bibliografia é a da disciplina. (Profa Rosa Suênia) Neurologia 4º diurno noturno Recursos terapêuticos manuais 5º Eletrotermofototerapia 5º Fisioterapia aquática 5º Métodos e técnicas de avaliação 5º Exercícios terapêuticos 5º Anamnese; Técnicas básicas do exame físico; Avaliação do aparelho osteolocomotor; Avaliação neurológica; e Prática

12 Cardiologia 6º Pneumologia 6º Fisioterapia traumato ortopédica 6º Fisioterapia preventiva 7º Fisioterapia cardiopneumofuncional 7º Fisioterapia crâniomandibular 8º Fisioterapia dermatofuncional 8º Fisioterapia aplicada a saúde da criança 8º -Anatomia e histologia da pele; - Sistema linfático; - Inflamação e reparo - Eletrotermofototerapia aplicada a Fisioterapia Dermatofuncional Fisioterapia aplicada a saúde da mulher 8º

13 PROCESSO SELETIVO MONITORIA - 25 FACISA ADMINISTRAÇÃO Disciplina/Curso Professor(a) Vaga/ Situação Período Turno Seleção Conteúdo Programático Estratégia da produção. Tipos de processos produtivos. Localização industrial. Arranjo Físico. Capacidade da produção. Previsão de demanda. Administração Produção I e II da bolsa Bibliografia: Português Instrumental Priscila Raposo DIREITO CORRÊA, Henrique L.; CORRÊA, Carlos A.Administração da produção e operações. 3. ed. São Paulo: Atlas, 22. Estratégia da produção. Tipos de processos produtivos. Localização industrial. Arranjo Físico. Capacidade da produção. Previsão de demanda. Bibliografia: CORRÊA, Henrique L.; CORRÊA, Carlos A.Administração da produção e operações. 3. ed. São Paulo: Atlas, 22. Disciplina/Curso Professor(a) Vaga/ Situação Período Turno Seleção Conteúdo Programático 04 3º Período Direito Penal II Teoria da Pena Ana Alice (Sendo 03 Turmas: A e B diurno noturno Subjetiva Pena Privativa de Liberdade; Pena Restritiva de Direitos; Aplicação da Pena Privativa de Liberdade; Ação Penal e Extinção de Punibilidade. diurno e 3º Período

14 bolsa noturno) Turma: A Texto: ARNS, Dom Paulo Evaristo. A Montagem do Aparelho Repressivo e suas Leis. In. História do Direito e Antropologia Jurídica Herry Charriery 06 1ª - Subjetiva Brasil: Nunca Mais! Rio de Janeiro/Petrópolis: Vozes, P. 69 a 82. Texto: DIAS, Maria Berenice. Direitos Humanos e Homoafetividade. (22) Artigo Disponível: Filme: Longa Metragem Zuzu Angel Direitos e Garantias Fundamentais na Constituição Federal; Cidadania e Nacionalidade; Direito Constitucional II Marcos Antonio Ferreira Ameida 4º diurno noturno Direitos Políticos e Partidos Políticos; Estrutura do Estado Brasileiro; Repartição de Competências; Da Intervenção; Organização e Estrutura dos Poderes; Poder Legislativo; Poder Executivo. Filosofia Geral e Jurídica Marcelo 2º Conteúdos da : O objeto e método da Filosofia do Direito. O Direito Moderno e o pensamento contratualista. A Filosofia do Direito de Immanuel Kant. A filosofia do Direito de Hegel. As tendências atuais da Filosofia do Direito : 1. Atividade financeira do Estado: conceito, características, finalidades. Necessidades Públicas. Serviços públicos. 2.Constitucionalismo e pacto federativo. Evolução histórica da federação brasileira. Federalismo fiscal. Repartição de competências tributárias. Autonomia Direito Financeiro Gustavo Gadelha 3º e Subjetiva financeira dos municípios. Regras de repartição de competência. Guerra Fiscal. 3. Receitas Públicas: conceito, objeto, natureza e finalidade. Classificação. Teoria dos preços públicos. Receitas derivadas: conceito, espécies de tributo. Fiscalidade, extrafiscalidade e parafiscalidade. Imunidade Subjetiva: 1. Atividade financeira do Estado: conceito, características, finalidades. Necessidades Públicas. Serviços públicos. 2.Constitucionalismo e pacto federativo. Evolução histórica da federação brasileira. Federalismo fiscal. Repartição de competências tributárias. Autonomia

15 financeira dos municípios. Regras de repartição de competência. Guerra Fiscal. 3. Receitas Públicas: conceito, objeto, natureza e finalidade. Classificação. Teoria dos preços públicos. Receitas derivadas: conceito, espécies de tributo. Fiscalidade, extrafiscalidade e parafiscalidade. Imunidade : Direito Penal I Alana Araújo Ramos 2º e Subjetiva Princípios Constitucionais do Direito Penal. Lei Penal no tempo Subjetiva: Fato típico: conduta, resultado, nexo causal e tipicidade. Crime consumado e crime tentado Introdução ao Estudo do Direito Ana Gondim Carolina 03 1º Subjetiva Jusnaturalismo; Positivismo e Pós-Positivismo; Princípios do Direito; Fontes do Direito; Relação Jurídica; Teoria da Norma Jurídica; Teoria do Ordenamento Jurídico. JOGOS DIGITAIS Disciplina/Curso Professor(a) Vaga/ Situação Período Turno Seleção Conteúdo Programático Programação Básica Diego Braga Bolsa 1º Noite Técnicas de Ilustração III Computação Gráfica 3D Avançada Rodrigo Motta 3º Noite José Trigueiro 2º Noite Prática Prática Prática Estruturas de Seleção, Repetição; Listas e Coleções Arte Conceitual de Personagens Modelagem e Animação

16 ARQUITETURA E URBANISMO Disciplina/Curso Professor(a) Vaga/ Situação Período Turno Seleção Conteúdo Programático Desenho Observação de Irton Pinedo 1º Manhã/Noite Prática Linha, forma, contorno, figura, proporção, medida, tom, luz, sombras, modelação, volume, materiais e textura. Noções de espaço, profundidade e contexto. Noções de escala e perspectiva.desenhos de casos relevantes do panorama arquitetônico e urbanístico da região. Objetos, mobiliários, edifícios e espaços urbanos. Desenho Geométrico José Tadeu 1º Manhã/Noite Prática Construção ovais Irregulares, Elipses, Hipérboles, Parábolas. Geometria Descritiva Andréia Oliveira 2º Manhã/Noite Prática Estudo de Ponto em épura e suas diferentes posições; Estudo da Reta em épura e suas diferentes posições; Distância entre dois pontos; Estudo do plano; Determinação da VG dos planos. Plástica I Ergonomia Elementos básicos da linguagem; Cor, forma e textura. Composição. Transição do bi para o Érika Cabral tridimensional. 2º Manhã/Noite Prática Projetos tridimensionais. Uso de resíduos sólidos (papel), como material de trabalho. Mariana Porto 3º Manhã/Noite Espacialização residencial (dimensionamento)/nbr 9050

17 Plástica II Eduardo Dantas 3º Manhã/Noite Prática Representação de pequenos objetos e/ou volumes arquitetônicos, através de modelos em escala reduzida; origamis arquitetônicos; capacidade para utilizar os elementos da comunicação e da linguagem bidimensional na transição da ideia à forma tridimensional. Desenho Arquitetônico I Rodrigo Dias 3º Manhã/Noite Prática Plantas baixas, cortes e fachadas Introdução à perspectiva; tipos de perspectivas cilíndricas (axonométrica: Ortogonais e Desenho Arquitetônico II Danilla Alves 4º Manhã/Noite Prática Oblíquas) e perspectivas cônica (com um ponto de fuga, dois pontos de fuga e três pontos de fuga). A perspectiva na profissão do arquiteto e urbanista. Conhecer as normas e convenções básicas de desenho técnico e de representação gráficas segundo a ABNT (NBR 9050, NBR 6492, NBR 9077). Representações gráficas de detalhamento de projeto arquitetônico, circulações verticais (Rampas e Escadas). Desenho Auxiliado por Computador Irton Pinedo 4º Manhã/Noite Representar projetos de arquitetura e urbanismo em duas e três dimensões com o auxilio de programas CAD. Análise Estrutural I Larissa Batista Bolsa e 5º Manhã/Noite Cálculo das reações, diagrama cortante e momento fletor, tensão normal e cisalhamento, flambagem e flexão. Conforto Ambiental I Jean Fechine 5º Manhã/Noite CONFORTO TÉRMICO: geometria da Insolação: distribuição da insolação na esfera terrestre; projeções estereográficas; dimensionamento de elementos tridimensionais para a proteção solar em edificações; tipos de Clima: carga térmica; métodos de cálculos para determinar a transmissão de calor; homeotermia; psicrometria e dimensionamento de aberturas para ventilação natural

18 CONFORTO LUMÍNICO A luz, efeito psicológico das cores e formas, sistemas de iluminação, Conforto Ambiental II Jean Fechine 6º Manhã/Noite dimensionamento de sistemas de iluminação natural e artificial (métodos de cálculos); legislação específica vigente. CONFORTO ACÚSTICO a onda sonora, aspectos físicos do som, comportamento do som no recinto, isolamento e tratamento acústico no ambiente construído; métodos de cálculos e legislação específica vigente. - Conceitos e definições sobre a paisagem, paisagismo. Paisagismo I Manuela Duarte 7º Manhã/Noite - Jardins históricos: do clássico ao contemporâneo; - Princípios ordenadores e formadores de uma paisagem; - A vegetação como elemento Paisagístico: Árvores, palmeiras, arbustos, herbáceas, trepadeiras e gramíneas. Discussão sobre os problemas urbanos contemporâneos e sobre novos caminhos e possibilidades do urbanismo. As intervenções nas cidades modernas. Métodos de leitura do lugar e diagnóstico do espaço urbano. Elaboração de mapas temáticos. As dimensões do Urbanismo I Aída Pontes 8º Manhã/Noite desenho urbano, sua relação com a qualidade de vida urbana, envolvendo principalmente os aspectos que influenciam na criação de espaços melhores para as pessoas usufruírem. O papel de elementos do desenho urbano na qualidade do espaço urbano. Relação entre espaço público e espaço privado. Estudo do uso de fachadas ativas como enriquecedor do espaço urbano. Análise das formas de ocupação do espaço urbano. Conceitos de como interferir no espaço urbano construído, identificando suas problemáticas e potencialidades. Estudo de estratégias para melhorar o ambiente urbano de uma cidade estudada.

19 SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Disciplina/Curso Professor(a) Vaga/ Situação Período Turno Seleção Conteúdo Programático Cálculo Diferencial e Integral Onildo dos Reis Freire 1 1º M Limite e Continuidade, Derivada e suas Aplicações, Integral e suas Aplicações Laboratório Programação I de Isabel Nunes 1 bolsa 1º M Variáveis e constantes. Tipos, Operadores e expressões, Entrada e Saída, Comando IF-thenelse, Comando CASE, Loops: for, while e repeat, Vetores e Matrizes, Functions e Procedures. Com passagens de parâmetros Laboratório Programação II de Jemerson Damásio 2 ( bolsa e ) 2º N Vetores, cadeia de caracteres, matrizes; Estruturas, tipos abstratos de dados; Listas e multilistas; Pilhas, filas: algoritmos e aplicações; Árvores.Binárias Propriedades, percursos, algoritmos e aplicações; Algoritmos de Ordenação; Algoritmos de pesquisa Usando objetos; Criação de classes; Interfaces e polimorfismo; Reuso com herança; Laboratório Programação III de Bruno Catão 1 3º M Visibilidade; Regras básicas de design; Composição de objetos; Herança; Interface e polimorfismo; Tratamento de erros usando exceções; Utilização de arquivos; Criação de Interfaces gráficas Laboratório de Banco de Dados Adriano Santos 1 5º M Banco de dados: conceitos e termologia; Sistemas de gerência de bancos de dados (SGBDs); Modelo de entidades e relacionamentos; Modelo relacional; Tradução de esquemas conceituais para esquemas relacionais; Normalização; SQL; Suporte Transacional; JDBC Modelagem de software orientado a objetos (OO); Análise e projeto OO; Conceitos básicos: Laboratório de Sistemas de Informação Bruno de Brito 1 5º M objeto, classe, mensagem. Principais características da tecnologia baseada em objetos: abstração, encapsulamento, herança e polimorfismo; Relacionamento cliente/servidor; Reutilização; Principais metodologias de desenvolvimento de software OO; Diagramas UML2;

20 Tópicos avançados sobre OO; Projeto de uma Arquitetura de Software; Arquitetura em Camadas; Padrões de Projeto CONSTRUÇÃO DE EDIFÍCIOS Disciplina/Curso Professor(a) Vaga/ Situação Período Turno Seleção Conteúdo Programático Matemática Aplicada bolsa Física Aplicada Topografia Resistência dos Materiais

21 PROCESSO SELETIVO MONITORIA 25 ESAC Componente Curricular Professor(a) Vaga Período Seleção Conteúdo Programático Aeróstatos/Aerodinos, Esforços atuantes, Elementos estruturais, Materiais Usados, Fuselagem, Asa, Empenagem, Conhecimento Técnico de Aeronaves - PP José Almir 1º Superfícies de Comando, Controles de voo, Dispositivos Hipersustentadores, Grupo Motopropulsor, Generalidades do motor a pistão, Componentes do motor, Performance do Motor, Sistema de Lubrificação, Sistema de ResfriamentoHélices, Instrumentos, Sistema Pneumático, Sistema de trem de Pouso, Sistema de Ignição, Sistema Elétrico, Sistema Hidráulico, Sistema de Combustível, Sistema de Alimentação, Sistema de Detecção e extinção de gelo, Sistema de extinção de fogo/extintores, Sistema de Pressurização Métodos de Navegação; A Terra e a Navegação Aérea; Orientação sobre a superfície da Terra; Unidades de medida Navegação Aérea Piloto Privado - PP Eduardo Fernando Bolsa 1º utilizadas; Medições de rumos e distâncias nas diversas projeções utilizadas em navegação; Princípios básicos de Cartografia; Tempo e Fusos Horários; Magnetismo Terrestre; Proas e Rumos Magnéticos e Verdadeiros; Introdução ao Computador de voo; Instrumentos Básicos de Navegação Aérea; Correção de Vento e o uso do computador de voo; Cálculo de subida, cruzeiro e descida; Cálculos de vento e temperatura em cruzeiro; Processo de comunicação e noções sobre produção da voz, Técnicas de radiotelefonia, uso dos meios de comunicação e escala de clareza, Alfabeto fonético, números, proas, velocidades, demais informações utilizadas no voo, Órgãos ATS, Fraseologia Aeronáutica I - PP Juliano Brandt 1º estrutura da mensagem, planejamento do vôo, e falha de comunicação, Comunicação com o Solo e a Torre (GROUND/TWR), Comunicação com o Controle de Aproximação Convencional (APP/CONV), Comunicação com Controle de Aproximação Radar (APP/RADAR), Comunicação com o Centro de Controle de Área (ACC), Comunicação com o Serviço de Informação de Vôo de Aeródromo (AFIS), Comunicação em locais que não possuem AFIS, Plano de voo AFIL Conhecimentos Básicos de Física; Aerodinâmica elementar; Hélices; Comandos de voo e superfícies de comando; Teoria de Voo I - PP Marcos Barros 1º Dispositivos hipersustentadores; Esforços estruturais e fator de carga; Mecânica de voo e desempenho de subida; Mecânica de voo e desempenho em cruzeiro; Mecânica de voo e desempenho de descida; Desempenho de decolagem e pouso; Manobras voo em curva; Parafusos; Estabilidade e controle; Cálculo de peso e balanceamento para o

22 planejamento de voo. 1 Meteorologia: Conceito, Divisão, Organismos que regulam as atividades da Meteorologia 2 - A Terra no espaço: Movimentos da Terra, Paralelos e Meridianos, Afélio e Periélio 3 - Atmosfera Terrestre: Composição, Classificação do ar, Subdivisão da atmosfera, Propriedades 4 - Parâmetros Meteorológicos básicos: Calor e Temperatura, Pressão atmosférica, Propriedades 5 Nebulosidade: Nuvens, Nevoeiros, Hidrometeoros, Litometeoros 6 Visibilidade: Definição, Tipos, Obtenção da Visibilidade 7 - Atmosfera padrão: Características básicas, Altimetria 8 - Física dos Ventos: Forças atuantes, Lei de Buy-Ballot, Circulação geral, Circulação secundária Meteorologia I - PP Namário Simões 1º 9 - Termodinâmica da Atmosfera: Processo adiabático, Equilíbrio da atmosfera 10 - Massas de ar: Regiões de origem, Características, Massas de ar no Brasil 11 Frentes: Tipos, Características, Frontogênese, Frontólise 12 - Condições Meteorológicas Adversas ao Voo: Turbulência, Formação de gelo, Trovoadas 13 - Códigos Meteorológicos METAR / SPECI 14 - Código de Previsão de Aerodromo - TAF 15 - Previsão de Área 16 - Vigilância Meteorológica 17 - Cartas de Vento e Tempo em altitude 18 - Meteorologia para prevenção de incidente e acidente aeronáutico segundo a visão do CENIPA. Fraseologia Aeronáutica II Eduardo Fernando 2º Demais informações utilizadas no voo; Vocabulário sobre a aeronave e as fases do voo; Meteorologia e planejamento de voo; Autorização de Tráfego; Controle de Solo; Torre de Controle; Controle de Saída; Controle de Aproximação; Centro de Controle de Área; Emergências. Conjuntos Numéricos. Intervalos Reais. Funções Elementares. Fundamentos Matemática da Orlando Batista Bolsa 2º Limite: Noção de intuitiva de Limite. Definição formal, Propriedades, Continuidade e Limites infinitos e no infinito. Derivação: a derivada, técnicas de derivação, a regra da cadeia; derivação implícita e taxas relacionadas, derivadas de ordem superior. Aplicação das derivadas.

23 Aplicações das Derivadas: taxa de Variação, Análise da derivada primeira (Máximos e mínimos), Análise da derivada Matemática PC Orlando Batista 3º segunda (Ponto de Inflexão), Construção de Gráficos e Problemas de Otimização. Integral Indefinida: Primitiva de uma Função, Propriedades, resoluções de integrais, Métodos de Integração por Substituição e por Partes. Integral Definida: Definição, Propriedades.Teorema Fundamental do Cálculo e Aplicações das Integrais (Cálculo de área). Cálculos com utilização do Computador de vôo face A e B; Magnetismo terrestre e influência na Navegação Aérea; Gráfico Navegação Avançada Aérea Juliano Brandt 3º de Calunga; ADF. VOR; DME; ILS; GPS. Exercícios e s ANAC em sala de aula. 1.Órgãos de Meteorologia No Brasil: Redes de Estações Meteorologia, Redes de Centro de Meteorologia, CNMA 2. Revisão de Meteorologia Geral: A Terra no Espaço, Atmosfera Terrestre, Pressão Atmosférica, Nebulosidade, Física dos Ventos, Frentes, Condições Meteorológicas adversas ao Voo: Turbulência, Formação de Gelo e Trovoadas. Meteorologia II - PC Namário Simões 3º 3. Códigos METAR/SPECI: Formatação do METAR/SPECI, Informações suplementares, Previsão para pouso tipo tendência 4. Previsão de Aeródromo Terminal (TAF): Significado do código, Emendas à previsão de aeródromo 5. Previsão de Área GAMET: Considerações gerais 6. Vigilância Meteorológica: SIGMET, AIRMET, Aviso de Aeródromo, Aviso de Gradiente de Vento, Observação e Informação de Atividade Vulcânica, Informações Meteorológicas para Aeronaves em Vôo VOLMET. Inglês Técnico II Juliano Brandt 4º Termos técnicos referentes à operação, pilotagem, e serviços relacionados às aeronaves Manual de Manutenção (Maintenance Manual). Comunicação de defeitos e irregularidades em aeronaves 1 Noções de texto e textualidade: coesão e coerência; 2 Variação lingüística; 3 - Estratégias de leitura; 4 Produção Leitura e Produção de Texto I Priscila Raposo 1º textual (conceito, caracterização e elaboração); 4.1 Fichamento: 4.2 Resumo, 4.3 Relatório, 4.4 Seminário, 4.5 Currículo Vitae e Lattes; 5 Tópicos da norma padrão: 5.1. Concordância verbal e nominal, 5.2. Regência verbal e nominal, 5.3. Emprego de pronomes, 5.4. Pontuação, acentuação e ortografia; 6 - Normalização Bibliográfica; 7 - Novo Acordo Ortográfico

24 1 Escrita, intertextualidade e coerência; 2 Estratégias de referenciação em função da leitura e da escrita; 3 Texto escrito: 3.1 Sequências textuais, 3.2 Construção do parágrafo: o período tópico e as ideias secundárias, 3.3 Leitura e Produção de Texto II Priscila Raposo 3º Estratégias argumentativas e tipos de argumento; 4 Produção Textual: 4.1 Diferença entre resumo e resenha, 4.2 Resenha acadêmica: definição, tipos, funcionalidade e elaboração, 4.3 Artigo Acadêmico: conceito, funcionalidade, caracterização e elaboração; 5 Noções preliminares de redação científica: paráfrases, citações diretas e Indiretas; 6 Tópicos da norma padrão: 6.1. Concordância verbal e nominal, 6.2. Regência verbal e nominal, 6.3. Emprego de pronomes, 6.4. Pontuação, acentuação e ortografia; 7 - Normalização Bibliográfica

EDITAL 13 PROCESSO SELETIVO PARA MONITORIA FACISA/FCM/ESAC 2014.1 e 2014.2

EDITAL 13 PROCESSO SELETIVO PARA MONITORIA FACISA/FCM/ESAC 2014.1 e 2014.2 EDITAL 13 PROCESSO SELETIVO PARA MONITORIA FACISA/FCM/ESAC 2014.1 e 2014.2 O Centro de Ensino Superior e Desenvolvimento CESED torna público aos alunos interessados que, no período de 24, 25, 26 e 28 de

Leia mais

EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA MONITORIA 2016.1 FCM, FACISA, ESAC

EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA MONITORIA 2016.1 FCM, FACISA, ESAC EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA MONITORIA 2016.1 FCM, FACISA, ESAC O Centro de Ensino Superior e Desenvolvimento CESED torna público aos alunos interessados que, no período de 08 a 10 de Março, no horário

Leia mais

UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAI CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE MEDICINA - BACHARELADO

UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAI CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE MEDICINA - BACHARELADO UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAI CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE MEDICINA - BACHARELADO EMENTAS DISCIPLINAS MATRIZ 3 1º AO 3º PERÍODO 1 º Período C.H. Teórica: 90 C.H. Prática: 90 C.H. Total: 180 Créditos: 10

Leia mais

Reitoria EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA MONITORIA DE ENSINO

Reitoria EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA MONITORIA DE ENSINO 1 EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA MONITORIA DE ENSINO EDITAL Nº 26/2015 Estarão abertas as inscrições para o preenchimento de vagas de Monitoria de Ensino, no período de 03 a 14.08.2015, na secretaria

Leia mais

LISTAGEM DAS UNIDADES DE ENSINO OFERTADAS PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO EM 2015/1 * EM REGIME DE DEPENDÊNCIA/ADAPTAÇÃO

LISTAGEM DAS UNIDADES DE ENSINO OFERTADAS PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO EM 2015/1 * EM REGIME DE DEPENDÊNCIA/ADAPTAÇÃO Administração da Enfermagem na Atenção Primária a Saúde Enfermagem Administração de Produção Administração Administração de Produção II Administração Administração de Sistemas de Informação Administração/

Leia mais

BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO

BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO Administração de Produção I Administração de Produção II Administração de Recursos Humanos I Administração de Recursos Materiais Administração Financeira e Orçamentária I Administração

Leia mais

FACULDADE CATÓLICA SALESIANA DO ESPÍRITO SANTO

FACULDADE CATÓLICA SALESIANA DO ESPÍRITO SANTO FACULDADE CATÓLICA SALESIANA DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA /FCSES EDITAL Nº002/2013 EDITAL DE SELEÇÃO DO PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA PARA O 1º SEMESTRE DE 2013 A Secretária Geral da Faculdade Católica

Leia mais

HORÁRIO DE PROVAS 3º BIMESTRE

HORÁRIO DE PROVAS 3º BIMESTRE CURSO DE PEDAGOGIA Gestão Escolar e Organização do Trabalho Pedagógico I 23.09.13 19horas Fundamentos da Língua Portuguesa: Leitura e Produção de 23.09.13 21horas Textos Psicologia da Educação I 24.09.13

Leia mais

CURSO DE BACHARELADO EM FISIOTERAPIA-FORMAÇÃO FISIOTERAPEUTA

CURSO DE BACHARELADO EM FISIOTERAPIA-FORMAÇÃO FISIOTERAPEUTA CURSO DE BACHARELADO EM FISIOTERAPIA-FORMAÇÃO FISIOTERAPEUTA Coordenaçăo: Profª. Esp. Lidiane Alves Dias E-mail: fisioterapia@immes.com.br Telefone (96)3223-4244 ramal: 219 Conceito É uma ciência da Saúde

Leia mais

CARGA CURSO DISCIPLINA

CARGA CURSO DISCIPLINA CARGA CURSO DISCIPLINA HORARIA Administração AD ADMINISTRAÇÃO DE RECURSOS MATERIAIS E PATRIMONIAIS II 40 AD CONTABILIDADE E CUSTOS II 40 AD CONTABILIDADE GERENCIAL 40 AD ECONOMIA INDUSTRIAL 40 AD ESTATÍSTICA

Leia mais

FACULDADE CATÓLICA SALESIANA DO ESPÍRITO SANTO

FACULDADE CATÓLICA SALESIANA DO ESPÍRITO SANTO FACULDADE CATÓLICA SALESIANA DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA GERAL/FCSES EDITAL Nº009/2010 EDITAL DE SELEÇÃO DO PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA PARA O 2º SEMESTRE DE 2010 A Secretária Geral da Faculdade

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA PRÓ-REITORIA DE ENSINO DEPARTAMENTO DE MEDICINA E ENFERMAGEM SELEÇÃO DE MONITOR NÍVEL I EDITAL Nº 02/2014/DEM

UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA PRÓ-REITORIA DE ENSINO DEPARTAMENTO DE MEDICINA E ENFERMAGEM SELEÇÃO DE MONITOR NÍVEL I EDITAL Nº 02/2014/DEM UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA PRÓ-REITORIA DE ENSINO DEPARTAMENTO DE MEDICINA E ENFERMAGEM SELEÇÃO DE MONITOR NÍVEL I EDITAL Nº 02/2014/DEM 1. A Universidade Federal de Viçosa, através do presente edital,

Leia mais

Curso de Graduação em MEDICINA Plano Curricular Pleno 2014/1

Curso de Graduação em MEDICINA Plano Curricular Pleno 2014/1 Curso de Graduação em MEDICINA Plano Curricular Pleno 2014/1 MED-100 - Unidades de Ensino da área de conhecimento das bases moleculares e celulares dos processos normais e alterados, da estrutura e função

Leia mais

Anatomia Humana I N/H 72 4. Biofísica N/H 72 4. Biologia Celular e Molecular N/H 72 2. Fundamentos de Fisioterapia N/H 36 2

Anatomia Humana I N/H 72 4. Biofísica N/H 72 4. Biologia Celular e Molecular N/H 72 2. Fundamentos de Fisioterapia N/H 36 2 Faculdades Integradas do Extremo Sul da Bahia Portaria MEC n º 1.77, de 13 de junho de 00 CURSO DE FISIOTERAPIA Estrutura Curricular 1º PERÍODO Anatomia Humana I N/H 7 Biofísica N/H 7 Biologia Celular

Leia mais

Disciplina: FISIOLOGIA CELULAR CONTROLE DA HOMEOSTASE, COMUNICAÇÃO E INTEGRAÇÃO DO CORPO HUMANO (10h)

Disciplina: FISIOLOGIA CELULAR CONTROLE DA HOMEOSTASE, COMUNICAÇÃO E INTEGRAÇÃO DO CORPO HUMANO (10h) Ementário: Disciplina: FISIOLOGIA CELULAR CONTROLE DA HOMEOSTASE, COMUNICAÇÃO E INTEGRAÇÃO DO CORPO HUMANO (10h) Ementa: Organização Celular. Funcionamento. Homeostasia. Diferenciação celular. Fisiologia

Leia mais

FACULDADE DE INTEGRAÇÃO DO SERTÃO FIS

FACULDADE DE INTEGRAÇÃO DO SERTÃO FIS FACULDADE DE INTEGRAÇÃO DO SERTÃO FIS Portaria MEC nº 1.931, de dezembro de 2006, publicada no DOU de 08 de Dezembro de 2006. Rua João Luiz de Melo, 2110. Bairro Tancredo Neves. CEP. 56909-205. Serra Talhada/PE/Brasil.

Leia mais

Disciplina. Matemática - 1

Disciplina. Matemática - 1 FACULDADE CATÓLICA SALESIANA DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA /FCSES EDITAL Nº00/204 EDITAL DE SELEÇÃO DO PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA PARA O º SEMESTRE DE 204 A Secretária Geral da Faculdade Católica

Leia mais

EDITAL PARA SELEÇÃO DE DOCENTE PARA O CURSO

EDITAL PARA SELEÇÃO DE DOCENTE PARA O CURSO NÚCLEO DE SAÚDE: BIOMEDICINA, ESTÉTICA E COSMÉTICOS, EDUCAÇÃO FÍSICA, ENFERMAGEM, FARMÁCIA, FISIOTERAPIA, NUTRIÇÃO, PSICOLOGIA, ODONTOLOGIA, MEDICINA VETERINÁRIA E RADIOLOGIA UNIDADE: UNINASSAU - GRAÇAS

Leia mais

Aprovado no CONGRAD: 14.02.06 Vigência: ingressos a partir de 2006/2 CÓD. 1548 CURSO DE MEDICINA

Aprovado no CONGRAD: 14.02.06 Vigência: ingressos a partir de 2006/2 CÓD. 1548 CURSO DE MEDICINA Aprovado no CONGRAD: 14..06 Vigência: ingressos a partir de 2006/2 CÓD. 48 CURSO DE MEDICINA EIXOS TRANSVERSAIS E ÁREAS DO CONHECIMENTO DO CURRÍCULO PLENO ACADÊMI COS I FUNDAMENTOS CONCEITUAIS DO CURSO

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO ingressantes 2008 Semestre 1 Semestre 2

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO ingressantes 2008 Semestre 1 Semestre 2 SISTEMAS DE INFORMAÇÃO ingressantes 2008 Cálculo I 40 Cálculo II 40 Princípios Desenvolvimento de Algoritmos I 80 Princípios Desenvolvimento de Algoritmos II 80 Matemática 40 Lógica Matemática 40 Probabilidade

Leia mais

UNIÃO DE ENSINO SUPERIOR DE CAMPINA GRANDE FACULDADE DE CAMPINA GRANDE FAC CG CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM EDITAL DE SELEÇÃO DE MONITORES

UNIÃO DE ENSINO SUPERIOR DE CAMPINA GRANDE FACULDADE DE CAMPINA GRANDE FAC CG CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM EDITAL DE SELEÇÃO DE MONITORES 1 UNIÃO DE ENSINO SUPERIOR DE CAMPINA GRANDE FACULDADE DE CAMPINA GRANDE FAC CG CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM EDITAL DE SELEÇÃO DE MONITORES PERÍODO LETIVO 2013.1 A Coordenação do Curso de Graduação

Leia mais

TABELA DE EQUIVALÊNCIA Curso de Odontologia

TABELA DE EQUIVALÊNCIA Curso de Odontologia TABELA DE EQUIVALÊNCIA Curso de Odontologia Disciplina A Disciplina B Código Disciplina C/H Curso Disciplina C/H Código Curso Ano do Currículo 64823 MICROBIOLOGIA GERAL 17/34 ODONTOLOGIA MICROBIOLOGIA

Leia mais

LISTAGEM DAS UNIDADES DE ENSINO OFERTADAS PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO EM 2015/2 * EM REGIME DE DEPENDÊNCIA/ADAPTAÇÃO

LISTAGEM DAS UNIDADES DE ENSINO OFERTADAS PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO EM 2015/2 * EM REGIME DE DEPENDÊNCIA/ADAPTAÇÃO Administração de Adm. em Serviços de Enfermagem Hospitalar Enfermagem Administração Mercadológica I / Marketing / Administração Mercadológica II Algoritmos e Técnicas de Programação Análise Ambiental Biomedicina

Leia mais

Bacharelado em Fisioterapia

Bacharelado em Fisioterapia Curso: Bacharelado em Fisioterapia Portaria de Autorização n 536, de 25 de Agosto de 2014 Publicado em 26 de Agosto de 2014 Diploma em: Bacharel em Fisioterapia Período de Integralização: Mínimo 10 (Dez)

Leia mais

EDITAL nº 103/2009 - ANEXO I CONCURSO PÚBLICO PARA O MAGISTÉRIO SUPERIOR DA UEA. Escola Superior de Ciências da Saúde

EDITAL nº 103/2009 - ANEXO I CONCURSO PÚBLICO PARA O MAGISTÉRIO SUPERIOR DA UEA. Escola Superior de Ciências da Saúde EDITAL nº 103/2009 - ANEXO I CONCURSO PÚBLICO PARA O MAGISTÉRIO SUPERIOR DA UEA Escola Superior de Ciências da Saúde Período de Inscrição: 18 de janeiro de 2010 a 19 de fevereiro de 2010. Local de Inscrição:

Leia mais

Centro Universitário do Vale do Ipojuca UNIFAVIP DeVry Pró-reitoria Acadêmica

Centro Universitário do Vale do Ipojuca UNIFAVIP DeVry Pró-reitoria Acadêmica Centro Universitário do Vale do Ipojuca UNIFAVIP DeVry Pró-reitoria Acadêmica PROGRAMA DE MONITORIA 2015.2 EDITAL Nº 06/2015 DE 20 DE JULHO DE 2015 A Pró-reitoria Acadêmica torna público que, no período

Leia mais

ESTRUTURA CURRICULAR 2014/1. 60 h. 104 h. 146 h. 72 h 2º SEMESTRE. Carga horária

ESTRUTURA CURRICULAR 2014/1. 60 h. 104 h. 146 h. 72 h 2º SEMESTRE. Carga horária MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI FACULDADE DE MEDICINA DE DIAMANTINA - FAMED CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA ESTRUTURA CURRICULAR 2014/1 MED001 MED002 MED003

Leia mais

VAGAS NO CAMPUS MARCO ZERO, EM MACAPÁ-AP

VAGAS NO CAMPUS MARCO ZERO, EM MACAPÁ-AP UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ GABINETE DA REITORIA EDITAL Nº 12/2012 CONCURSO PÚBLICO PARA PROFESSOR EFETIVO ANEXO I VAGAS POR ÁREA DE CONHECIMENTO VAGAS NO CAMPUS MARCO ZERO, EM MACAPÁ-AP 1) Área de Conhecimento:

Leia mais

EDITAL PARA SELEÇÃO DE DOCENTE PARA O CURSO

EDITAL PARA SELEÇÃO DE DOCENTE PARA O CURSO COORDENAÇÃO DO CURSO DE: ADMINISTRAÇÃO, BIOMEDICINA, DIREITO, ENFERMAGEM, ENGENHARIAS, FISIOTERAPIA, NUTRIÇÃO, PSICOLOGIA, RADIOLOGIA, SEGURANÇA NO TRABALHO, EDUCAÇÃO FÍSICA UNIDADE: CAMPINA GRANDE A Faculdade

Leia mais

AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE MÓDULO MÓDULO III

AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE MÓDULO MÓDULO III AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE ESTÉTICA I Técnicas de Secretariado 80 Anatomia Sistêmica 80 Anatomia Sistêmica 80 Planejamento e Organização 80 Patologia 80 I Biossegurança em Saúde 80 Biossegurança, Microbiologia

Leia mais

CONVOCAÇÃO CANDIDATOS CLASSIFICADOS PELO EDITAL PROEXT Nº 07/2014 PRONATEC/CEFORES/UFTM.

CONVOCAÇÃO CANDIDATOS CLASSIFICADOS PELO EDITAL PROEXT Nº 07/2014 PRONATEC/CEFORES/UFTM. CONVOCAÇÃO CANDIDATOS CLASSIFICADOS PELO EDITAL PROEXT Nº 07/2014 PRONATEC/CEFORES/UFTM. O coordenador Geral do Pronatec/Cefores/UFTM, no uso de suas atribuições legais, considerando que o Edital nº 07/2014

Leia mais

Apresentação!!!!!! A Biblioteca Central da Universidade Paranaense é responsável pela Biblioteca do Campus Tiradentes, Biblioteca do Hospital

Apresentação!!!!!! A Biblioteca Central da Universidade Paranaense é responsável pela Biblioteca do Campus Tiradentes, Biblioteca do Hospital Apresentação!!!!!! A Biblioteca Central da Universidade Paranaense é responsável pela Biblioteca do Campus Tiradentes, Biblioteca do Hospital Veterinário e também dos multicampi nas cidades de Guaíra,

Leia mais

Currículos dos Cursos do CCB UFV ENFERMAGEM. COORDENADORA Rita de Cássia Lanes Ribeiro rribeiro@ufv.br

Currículos dos Cursos do CCB UFV ENFERMAGEM. COORDENADORA Rita de Cássia Lanes Ribeiro rribeiro@ufv.br 146 Currículos dos Cursos do CCB UFV ENFERMAGEM COORDENADORA Rita de Cássia Lanes Ribeiro rribeiro@ufv.br UFV Catálogo de Graduação 2011 147 Bacharelado ATUAÇÃO O Curso de Graduação em da UFV apresenta

Leia mais

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ESTÉTICA E COSMÉTICA Autorizado pela Portaria MEC nº 433 de 21/10/11 - DOU de 24/10/11 PLANO DE CURSO

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ESTÉTICA E COSMÉTICA Autorizado pela Portaria MEC nº 433 de 21/10/11 - DOU de 24/10/11 PLANO DE CURSO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ESTÉTICA E COSMÉTICA Autorizado pela Portaria MEC nº 433 de 21/10/11 - DOU de 24/10/11 Componente Curricular: Citologia e Histologia Código: Pré-requisito: ---- Período

Leia mais

Currículos dos Cursos UFV ENFERMAGEM. COORDENADOR Pedro Paulo do Prado Júnior pedro.prado@ufv.br

Currículos dos Cursos UFV ENFERMAGEM. COORDENADOR Pedro Paulo do Prado Júnior pedro.prado@ufv.br 114 ENFERMAGEM COORDENADOR Pedro Paulo do Prado Júnior pedro.prado@ufv.br UFV Catálogo de Graduação 2013 115 Currículo do Curso de Bacharelado ATUAÇÃO O Curso de Graduação em da UFV apresenta como perfil

Leia mais

Avaliar, sistematizar e decidir as condutas mais adequadas, baseadas em evidências científicas;

Avaliar, sistematizar e decidir as condutas mais adequadas, baseadas em evidências científicas; CURSO: FISIOTERAPIA Missão O curso de Fisioterapia da Universidade Estácio de Sá, através de uma estrutura embasada em princípios contemporâneos, tem por missão a formação de um fisioterapeuta generalista,

Leia mais

BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO

BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO Administração de Produção Administração Financeira Administração Mercadológica II Análise das Demonstrações Financeiras Auditoria Comércio Exterior e Economia Internacional

Leia mais

Agente Comunitário em Saúde

Agente Comunitário em Saúde Agente Comunitário em Saúde Introdução a Informática Ações de Promoção do ambiente saudável A sociedade em que vivemos Construção de Redes Comunitárias e Promoção à Saúde Introdução à Profissão de Agente

Leia mais

ASSOCIAÇÃO CULTURAL E EDUCACIONAL DO PARÁ - ACEPA CENTRO UNIVERSITÁRIO DO ESTADO DO PARÁ - CESUPA EDITAL Nº 040/2011

ASSOCIAÇÃO CULTURAL E EDUCACIONAL DO PARÁ - ACEPA CENTRO UNIVERSITÁRIO DO ESTADO DO PARÁ - CESUPA EDITAL Nº 040/2011 ASSOCIAÇÃO CULTURAL E EDUCACIONAL DO PARÁ - ACEPA CENTRO UNIVERSITÁRIO DO ESTADO DO PARÁ - CESUPA EDITAL Nº 040/2011 1. O Reitor do CENTRO UNIVERSITÁRIO DO ESTADO DO PARÁ CESUPA, no uso de suas atribuições

Leia mais

DISCIPLINAS E CARGA HORÁRIA

DISCIPLINAS E CARGA HORÁRIA Carga Horária: Especificação DISCIPLINAS E CARGA HORÁRIA Nº de Horas Carga Horária da Grade Curricular 3.060 204 Carga Horária de s 900 60 Carga Horária de Disciplinas Eletivas Obrigatórias 90 06 CARGA

Leia mais

UNP - Universidade Potiguar EDITAL DE OFERTA DE DISCIPLINAS EM TURMA ESPECIAL - 2015 JULHO A DEZEMBRO ANEXO ÚNICO: DISCIPLINAS EM OFERTA

UNP - Universidade Potiguar EDITAL DE OFERTA DE DISCIPLINAS EM TURMA ESPECIAL - 2015 JULHO A DEZEMBRO ANEXO ÚNICO: DISCIPLINAS EM OFERTA UNP - Universidade Potiguar EDITAL DE OFERTA DE DISCIPLINAS EM TURMA ESPECIAL - 2015 JULHO A DEZEMBRO ANEXO ÚNICO: DISCIPLINAS EM OFERTA A - CURSOS DE GRADUAÇÃO (PRESENCIAL E EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA) Curso

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DE PROVAS E TÍTULOS PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PROFESSOR DE ENSINO TÉCNICO

PROCESSO SELETIVO DE PROVAS E TÍTULOS PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PROFESSOR DE ENSINO TÉCNICO PROCESSO SELETIVO DE PROVAS E TÍTULOS PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PROFESSOR DE ENSINO TÉCNICO EDITAL Nº 002/2014 A Faculdade do Vale do Araranguá- FVA, pessoa jurídica de direito privado, no uso de

Leia mais

EDITAL PARA SELEÇÃO DE DOCENTE PARA O CURSO

EDITAL PARA SELEÇÃO DE DOCENTE PARA O CURSO EDITAL PARA SELEÇÃO DOCENTE NÚCLEO SAÚ: BIOMEDICINA, ED. FÍSICA, ENFERMAGEM, ESTÉTICA E COSMÉTICOS, FARMÁCIA, FISIOTERAPIA, MEDICINA, NUTRIÇÃO, PSICOLOGIA, ODONTOLOGIA, MEDICINA VETERINÁRIA e RADIOLOGIA

Leia mais

Relação das Disciplinas/Curso que serão atribuídas em 2010. Importante!

Relação das Disciplinas/Curso que serão atribuídas em 2010. Importante! Relação das Disciplinas/Curso que serão atribuídas em 2010. Importante! A Direção do IMES Catanduva e a Comissão Organizadora do Processo Seletivo 007/2009 alerta os candidatos inscritos que as disciplinas

Leia mais

PORTARIA ANAC Nº 2457/SPO, DE 21 DE OUTUBRO DE 2014.

PORTARIA ANAC Nº 2457/SPO, DE 21 DE OUTUBRO DE 2014. PORTARIA ANAC Nº 2457/SPO, DE 21 DE OUTUBRO DE 2014. Define e torna pública a qualificação dos instrutores dos cursos de PPA, PPH, PCA, PCH, PLA-A, PLA-H, INVA, IFR, PAGA, PAGH, CMV, -CEL, -GMP, -AVI e

Leia mais

EMENTAS DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS

EMENTAS DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS EMENTAS DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS INTRODUÇÃO À COMPUTAÇÃO 60 h 1º Evolução histórica dos computadores. Aspectos de hardware: conceitos básicos de CPU, memórias,

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR SERIADO ANUAL - NOTURNO 4 (QUATRO) ANOS LETIVOS. B) TEMPO ÚTIL (Carga Horária) = 3.840 H/AULA CURRÍCULO PLENO 1.

MATRIZ CURRICULAR SERIADO ANUAL - NOTURNO 4 (QUATRO) ANOS LETIVOS. B) TEMPO ÚTIL (Carga Horária) = 3.840 H/AULA CURRÍCULO PLENO 1. MATRIZ CURRICULAR Curso: Graduação: Regime: Duração: NUTRIÇÃO BACHARELADO SERIADO ANUAL - NOTURNO 4 (QUATRO) ANOS LETIVOS Integralização: A) TEMPO TOTAL - MÍNIMO = 4 (QUATRO) ANOS LETIVOS - MÁIMO = 7 (SETE)

Leia mais

PLANO DE ENSINO. 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Instituição: Universidade Alto Vale do Rio do Peixe Curso: Farmácia Professora: Liamara Basso Dala Costa

PLANO DE ENSINO. 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Instituição: Universidade Alto Vale do Rio do Peixe Curso: Farmácia Professora: Liamara Basso Dala Costa PLANO DE ENSINO 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Instituição: Universidade Alto Vale do Rio do Peixe Curso: Farmácia Professora: Liamara Basso Dala Costa Email: liamara@uniarp.edu.br Período/ Fase: 1ª Fase Semestre:

Leia mais

UNIVERSIDADE BANDEIRANTE DE SÃO PAULO DIRETORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU E PESQUISA

UNIVERSIDADE BANDEIRANTE DE SÃO PAULO DIRETORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU E PESQUISA UNIVERSIDADE BANDEIRANTE DE SÃO PAULO DIRETORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU E PESQUISA 1 EDITAL 55/2012 ABRE PERÍODO DE INSCRIÇÃO PARA VAGAS NO PROGRAMA DE PÓS- GRADUAÇÃO STRICTO SENSU MESTRADO PROFISSIONAL

Leia mais

CURSO DE BACHARELADO EM NUTRIÇÃO-FORMAÇÃO NUTRICIONISTA

CURSO DE BACHARELADO EM NUTRIÇÃO-FORMAÇÃO NUTRICIONISTA CURSO DE BACHARELADO EM NUTRIÇÃO-FORMAÇÃO NUTRICIONISTA Coordenaçăo: Profª. MS. Mara Rosana dos Santos E-mail: nutricao@immes.com.br Telefone (96)3223-4244 ramal: 211 Ser Nutricionista É atuar em todas

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JOINVILLE PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE BIOMEDICINA. Matriz Curricular vigente a partir de 2012/1

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JOINVILLE PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE BIOMEDICINA. Matriz Curricular vigente a partir de 2012/1 CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICA DE SANTA CATARINA EM JOINVILLE PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE BIOMEDICINA Matriz Curricular vigente a partir de 2012/1 Fase Cod. Disciplina P.R Carga Horária Teórica Prática

Leia mais

PRÉ REQUISITOS* DA MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE ENFERMAGEM. 1º Semestre Pré requisito. Estar regularmente matriculado no curso de bacharelado em

PRÉ REQUISITOS* DA MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE ENFERMAGEM. 1º Semestre Pré requisito. Estar regularmente matriculado no curso de bacharelado em PRÉ REQUISITOS* DA MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE ENFERMAGEM 1º Semestre Pré requisito bacharelado em Metodologia da Pesquisa aplicada à Saúde Embriologia Humana Biologia Celular Psicologia Sociologia Produção

Leia mais

Centro Universitário do Vale do Ipojuca UNIFAVIP DeVry Pró-reitoria Acadêmica

Centro Universitário do Vale do Ipojuca UNIFAVIP DeVry Pró-reitoria Acadêmica Centro Universitário do Vale do Ipojuca UNIFAVIP DeVry Pró-reitoria Acadêmica PROGRAMA DE MONITORIA 2015.1 EDITAL Nº 01/2015 DE 05 DE JANEIRO DE 2015 A Pró-reitoria Acadêmica torna público que, no período

Leia mais

LEITURA E PRODUÇÃO DE TEXTOS 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 A D E C A A D C A B INFORMÁTICA 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 A C C C D A A E E D

LEITURA E PRODUÇÃO DE TEXTOS 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 A D E C A A D C A B INFORMÁTICA 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 A C C C D A A E E D ADMINISTRAÇÃO/ CIÊNCIAS CONTÁBEIS 1º SEMESTRE - MATUTINO LEITURA E PRODUÇÃO DE TEXTOS A D E C A A D C A B INFORMÁTICA A C C C D A A E E D FILOSOFIA E ÉTICA E D A C A B D E B A MATEMÁTICA D B E E A C C

Leia mais

BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO

BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO Administração de Produção I Administração de Recursos Humanos I Administração de Recursos Materiais Administração de Sistemas de Informação Administração Financeira e Orçamentária

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO FACEX EDITAL N 01 03 DE FEVEREIRO DE 2014 PROCESSO SELETIVO PARA ADMISSÃO DE PROFESSORES EM 2014.1

CENTRO UNIVERSITÁRIO FACEX EDITAL N 01 03 DE FEVEREIRO DE 2014 PROCESSO SELETIVO PARA ADMISSÃO DE PROFESSORES EM 2014.1 CENTRO UNIVERSITÁRIO FACEX EDITAL N 01 03 DE FEVEREIRO DE 2014 PROCESSO SELETIVO PARA ADMISSÃO DE PROFESSORES EM 2014.1 O CENTRO UNIVERSITÁRIO FACEX-, torna público, para conhecimento dos interessados

Leia mais

FLUXOGRAMA DO CURSO DE ENFERMAGEM DAS FACULDADES INTA

FLUXOGRAMA DO CURSO DE ENFERMAGEM DAS FACULDADES INTA FLUXOGRAMA DO CURSO DE ENFERMAGEM DAS FACULDADES INTA 1º SEMESTRE 1. Anatomia Humana 90 60 30 06 2. Biologia (Citologia/Genética) 60 45 15 04 3. Educação em Saúde 30 20 10 02 4. Introdução a Enfermagem

Leia mais

A Câmara Superior de Ensino do Conselho Universitário da Universidade Federal de Campina Grande, no uso de suas atribuições;

A Câmara Superior de Ensino do Conselho Universitário da Universidade Federal de Campina Grande, no uso de suas atribuições; SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE ENSINO RESOLUÇÃO Nº /2010 Altera a estrutura curricular do Curso de Graduação em Medicina, do Centro

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICO SALESIANO AUXILIUM

CENTRO UNIVERSITÁRIO CATÓLICO SALESIANO AUXILIUM 1 CURSOS OFERECIDOS CIÊNCIAS CONTÁBEIS Reconhecimento: Decreto nº 79.651, de 04/05/77 2 Observação: 1. São pré-requisitos do Curso de Ciências Contábeis - Contabilidade I para Contabilidade II - Contabilidade

Leia mais

E D I T A L. 2º A Avaliação de Suficiência será feita exclusivamente por meio de prova presencial escrita, individual e sem consulta.

E D I T A L. 2º A Avaliação de Suficiência será feita exclusivamente por meio de prova presencial escrita, individual e sem consulta. EDITAL DC/BP 9/2015 DIVULGA AS S DE CURSOS DE GRADUAÇÃO DO CAMPUS BRAGANÇA PAULISTA, DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO USF, OBJETO DE INSCRIÇÃO PARA AVALIAÇÃO DE SUFICIÊNCIA NO 1º SEMESTRE DE 2015. A Diretora

Leia mais

Centro Universitário Metodista Izabela Hendrix Condições de Oferta dos Cursos. Reitora: Profa. Márcia Nogueira Amorim. Campus Praça da Liberdade

Centro Universitário Metodista Izabela Hendrix Condições de Oferta dos Cursos. Reitora: Profa. Márcia Nogueira Amorim. Campus Praça da Liberdade Centro Universitário Metodista Izabela Hendrix Condições de Oferta dos Cursos Reitora: Profa. Márcia Nogueira Amorim Campus Praça da Liberdade Professores Titulação Disciplinas Regime Adriana Rodrigues

Leia mais

EMENTÁRIO DAS DISICIPLINAS DO CURSO DE FISIOTERAPIA (Currículo iniciado em 2010)

EMENTÁRIO DAS DISICIPLINAS DO CURSO DE FISIOTERAPIA (Currículo iniciado em 2010) EMENTÁRIO DAS DISICIPLINAS DO CURSO DE FISIOTERAPIA (Currículo iniciado em 2010) ADMINISTRAÇÃO EM FISIOTERAPIA C/H 68 (2435) Introdução, princípios, bases legais e elementos da administração. Atuação da

Leia mais

CURSO DE INFORMÁTICA LICENCIATURA 1 PERÍODO

CURSO DE INFORMÁTICA LICENCIATURA 1 PERÍODO CURSO DE INFORMÁTICA LICENCIATURA 1 PERÍODO DISCIPLINA: Metodologia Científica H111900 Finalidade da metodologia científica. Importância da metodologia no âmbito das ciências. Metodologia de estudos. O

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ GABINETE DA REITORIA EDITAL N 08/2015 CONCURSO PÚBLICO PARA PROFESSOR EFETIVO - MACAPÁ, SANTANA E MAZAGÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ GABINETE DA REITORIA EDITAL N 08/2015 CONCURSO PÚBLICO PARA PROFESSOR EFETIVO - MACAPÁ, SANTANA E MAZAGÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ GABINETE DA REITORIA EDITAL N 08/2015 CONCURSO PÚBLICO PARA PROFESSOR EFETIVO - MACAPÁ, SANTANA E MAZAGÃO ANEXO I - RELAÇÃO DAS VAGAS E REQUISITOS ESPECÍFICOS POR ÁREA DE

Leia mais

CURSO DE MEDICINA - MATRIZ CURRICULAR 2013

CURSO DE MEDICINA - MATRIZ CURRICULAR 2013 CURSO DE MEDICINA - MATRIZ CURRICULAR 2013 Eixos longitudinais, conteúdos e objetivos cognitivos psicomotores Eixos transversais, objetivos Per. 1º Ano eixo integrador: O CORPO HUMANO CH INT. COMUM. HAB.

Leia mais

Curso. Administração. Arquitetura. Ciências Biológicas

Curso. Administração. Arquitetura. Ciências Biológicas FACULDADE CATÓLICA SALESIANA DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA /FCSES EDITAL Nº002/2014 EDITAL DE SELEÇÃO DO PROGRAMA DE MONITORIA VOLUNTÁRIA PARA O 2º SEMESTRE DE 2014 1 A Secretária Geral da Faculdade Católica

Leia mais

ANEXO I ÁREA DE FORMAÇÃO E TITULAÇÃO MÍNIMA

ANEXO I ÁREA DE FORMAÇÃO E TITULAÇÃO MÍNIMA 1 CURSO DE MEDICINA CÓD. DISCIPLINAS 001 Inglês 1 I 12 Curso formação completo em língua Inglesa ou título proficiência em língua inglesa. 002 Interação à Saú Comunitária I 2 I 12 ou Saú Coletiva ou Graduação

Leia mais

1º SEMESTRE 30 30-02 2º SEMESTRE CARGA HORÁRIA TOTAL TEORIA PRÁTICA

1º SEMESTRE 30 30-02 2º SEMESTRE CARGA HORÁRIA TOTAL TEORIA PRÁTICA 1º SEMESTRE Introdução a 90 60 30 06 Anatomia Humana 90 60 30 06 Biologia Celular e Molecular Embriologia e Histologia Humana Antropologia da Saúde Educação em Saúde Relações Étnico-Raciais Metodologia

Leia mais

Curso Técnico em Segurança do Trabalho Subsequente

Curso Técnico em Segurança do Trabalho Subsequente Curso Técnico em Segurança do Trabalho Subsequente PERFIL PROFISSIONAL Profissional capaz de orientar e intervir na realidade do processo produtivo, promovendo mudanças em relação às aplicações tecnológicas

Leia mais

EDITAL Nº 010, DE 2015 MONITORIA

EDITAL Nº 010, DE 2015 MONITORIA Coordenadoria do Curso de Medicina EDITAL Nº 010, DE 2015 MONITORIA O Coordenador do Curso de medicina da Universidade Federal de São João del-rei UFSJ, no uso de suas atribuições e em conformidade com

Leia mais

EDITAL PARA MONITORIA SEGUNDO SEMESTRE DE 2013

EDITAL PARA MONITORIA SEGUNDO SEMESTRE DE 2013 EDITAL PARA MONITORIA SEGUNDO SEMESTRE DE 2013 Edital de Seleção para o Programa de Monitoria Acadêmica dos Cursos de Arquitetura, Administração, Ciências Contábeis e Psicologia da Faculdade de Ciências

Leia mais

FACIDER FACULDADE DE COLIDER. FACIDER atualizado 2014/1 FARMACIA, BACHARELADO ESTUDOS FORMATIVOS Página 1

FACIDER FACULDADE DE COLIDER. FACIDER atualizado 2014/1 FARMACIA, BACHARELADO ESTUDOS FORMATIVOS Página 1 Portaria Credenciamento IES: Portaria 1658 D.O.U. 25/07/01. Portaria Autorização Administração : Portaria 1658 D.O.U. 25/07/01 Portaria Reconhecimento Administração : Portaria 3.519 D.O.U.14/10/05. Portaria

Leia mais

DISCIPLINAS DEFERIDAS PARA O PROCESSO SELETIVO DE MONITORIA 2015

DISCIPLINAS DEFERIDAS PARA O PROCESSO SELETIVO DE MONITORIA 2015 DISCIPLINAS DEFERIDAS PARA O PROCESSO SELETIVO DE MONITORIA 2015 CAMPOS CURSO DISCIPLINA ARQUITETURA E URBANISMO REPRESENTAÇÃO E ANÁLISE DA FORMA I ARQUITETURA E URBANISMO ATELIÊ DE PROJETOS II ARQUITETURA

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS Ementas das Disciplinas CURSO DE GRADUAÇÃO DE FISIOTERAPIA ATIVIDADES COMPLEMENTARES As atividades complementares correspondem a 204 horas realizadas nos diferentes espaços proporcionados

Leia mais

EDITAL Nº 53/2012. Graduação Exigida. Ciência da Computação, Sistemas de Informação e afins. Ciência da. Computação, Sistemas de.

EDITAL Nº 53/2012. Graduação Exigida. Ciência da Computação, Sistemas de Informação e afins. Ciência da. Computação, Sistemas de. EDITAL Nº 53/2012 Processo Seletivo de Docentes para cursos da área de Tecnologia da Informação do Centro Universitário Estácio do Ceará. A REITORA do Centro Universitário Estácio do Ceará - Estácio FIC,

Leia mais

FACULDADE BRASILEIRA Credenciada pela Portaria/MEC N o 259 de 11.02.1999 D.O.U. de 17.02.1999

FACULDADE BRASILEIRA Credenciada pela Portaria/MEC N o 259 de 11.02.1999 D.O.U. de 17.02.1999 Edital nº 01/2014 O Diretor da Faculdade Brasileira MULTIVIX torna pública a abertura de inscrições, no período de 15 a 30 de outubro do corrente ano, nas áreas discriminadas abaixo: ÁREA / Disciplina

Leia mais

DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 179/2012

DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 179/2012 DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 179/2012 Altera o Currículo do Curso de Medicina, para regime seriado semestral. O CONSELHO DE ENSINO E PESQUISA, na conformidade do Processo nº MED- 035/2012, aprovou e eu promulgo

Leia mais

E D I T A L. 2º A Avaliação de Suficiência será feita exclusivamente por meio de prova presencial escrita, individual e sem consulta.

E D I T A L. 2º A Avaliação de Suficiência será feita exclusivamente por meio de prova presencial escrita, individual e sem consulta. EDITAL DC/BP 23/2015 DIVULGA AS S DE CURSOS DE GRADUAÇÃO DO CAMPUS BRAGANÇA PAULISTA, DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO USF, OBJETO DE INSCRIÇÃO PARA AVALIAÇÃO DE SUFICIÊNCIA NO 2º SEMESTRE DE 2015. A Diretora

Leia mais

LABORATÓRIO RIO DE HABILIDADES CLÍNICAS. Universidade Estácio de Sá Rio de Janeiro Curso de Medicina

LABORATÓRIO RIO DE HABILIDADES CLÍNICAS. Universidade Estácio de Sá Rio de Janeiro Curso de Medicina Universidade Estácio de Sá Rio de Janeiro Curso de Medicina HISTÓRICO 1975 Universidade de Limburg MAASTRICHT Holanda Cria o Instituto Educacional para Treinamento de Habilidades Médicas M SKILLSLAB HISTÓRICO

Leia mais

ANEXO 1 PERFIS DE PROFESSOR

ANEXO 1 PERFIS DE PROFESSOR ANEXO 1 PERFIS DE PROFESSOR EDITAL 162/2013 Curso Sem. Disciplina Perfil do Docente Administração 1º Teoria Geral da Administração Administração 1º Empreendedorismo Administração 1º Sociologia das Organizações

Leia mais

FACULDADE DE CIÊNCIAS MÉDICAS DA PARAÍBA VAGAS DE MONITORIA - EDITAL N. 18 / 2012. CURSO DE MEDICINA - Semestre 2012.2.

FACULDADE DE CIÊNCIAS MÉDICAS DA PARAÍBA VAGAS DE MONITORIA - EDITAL N. 18 / 2012. CURSO DE MEDICINA - Semestre 2012.2. Área do Conhecimento Professor Número de vagas Caracterização Prova Dia Hora Local ANATOMIA Alisson 2 Bolsista 07/08/2012 4 Voluntário 08/08/12 8/8/2012 LAB ANATOMIA HISTOLOGIA Nadábia 2 Bolsista Renato

Leia mais

LISTAGEM DAS UNIDADES DE ENSINO OFERTADAS PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO EM 2016/1 * EM REGIME DE DEPENDÊNCIA/ADAPTAÇÃO

LISTAGEM DAS UNIDADES DE ENSINO OFERTADAS PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO EM 2016/1 * EM REGIME DE DEPENDÊNCIA/ADAPTAÇÃO Adm. em Serviços de Enfermagem Hospitalar Enfermagem Administração da Enf. na Atenção Primária a Saúde Enfermagem Administração de Produção Administração Administração de Sistemas de Informação Administração

Leia mais

Programas Seleção Conteúdo Vagas com bolsas Vagas sem bolsa Data da seleção

Programas Seleção Conteúdo Vagas com bolsas Vagas sem bolsa Data da seleção Programas Seleção Conteúdo Vagas com bolsas Vagas sem bolsa Data da seleção Processo de Trabalho em saúde: Integralidade e Cuidado do 6º ou 7º Biossegurança no trabalho, aspectos legais, suas classificações

Leia mais

Professor Turma Disciplina Data MONICA DORRENBACH LUNA PSI 1A - M FENOMENOS PSICOLOGICOS I 03/07

Professor Turma Disciplina Data MONICA DORRENBACH LUNA PSI 1A - M FENOMENOS PSICOLOGICOS I 03/07 Professor Turma Disciplina Data MONICA DORRENBACH LUNA PSI 1A - M FENOMENOS PSICOLOGICOS I 03/07 FABIO THA PSI 1A - M FUNDAMENTOS DE FILOSOFIA: LÓGICA E ÉTICA 01/07 LUIZ FERNANDO RIBEIRO PSI 1A - M GENETICA

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO TIRADENTES REITORIA COORDENAÇÃO ACADÊMICA E D I T A L Nº 01/2015

CENTRO UNIVERSITÁRIO TIRADENTES REITORIA COORDENAÇÃO ACADÊMICA E D I T A L Nº 01/2015 CENTRO UNIVERSITÁRIO TIRADENTES REITORIA COORDENAÇÃO ACADÊMICA E D I T A L Nº /25 O Centro Universitário Tiradentes UNIT/AL, com sede na Av. Comendador Gustavo Paiva, 57 Cruz das Almas, CEP: 57038-000

Leia mais

Curso de Graduação em Medicina

Curso de Graduação em Medicina Curso de Graduação em Medicina Disciplina: Histologia e Citologia Ano: 2012 Série: 1º ano Carga Horária: 172 horas teórico-práticas Departamento: ogia Coordenador: Profa. Duarte Barros Considerações: A

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR BACHARELADO EM NUTRIÇÃO

MATRIZ CURRICULAR BACHARELADO EM NUTRIÇÃO MATRIZ CURRICULAR BACHARELADO EM PRIMEIRO PERÍODO / 1 O ANO CIÊNCIAS SOCIAIS, HUMANAS E CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE Sociologia, Antropologia e Filosofia 2-40 Iniciação à Pesquisa em Nutrição 2-40 Leitura

Leia mais

EDITAL Nº 34/2014 PROCESSO SELETIVO AGENDADO DA FACULDADE METROPOLITANA DE MARABÁ METROPOLITANA 2015 1

EDITAL Nº 34/2014 PROCESSO SELETIVO AGENDADO DA FACULDADE METROPOLITANA DE MARABÁ METROPOLITANA 2015 1 EDITAL Nº 34/2014 PROCESSO SELETIVO AGENDADO DA FACULDADE METROPOLITANA DE MARABÁ METROPOLITANA 2015 1 1- DO OBJETO O presente Edital trata do EXAME DE SELEÇÃO AGENDADO de candidatos aos cursos da Faculdade

Leia mais

2 LOCAIS/ ÁREA/ VAGAS/ PERÍODO/ REQUISITOS/ ATIVIDADES

2 LOCAIS/ ÁREA/ VAGAS/ PERÍODO/ REQUISITOS/ ATIVIDADES EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇO VOLUNTÁRIO NO ÂMBITO DA UNIVERSIDADE DE CAXIAS DO SUL, NOS SEGUINTES LOCAIS: HOSPITAL GERAL (HG), AMBULATÓRIO CENTRAL (AMCE), INSTITUTO DE MEDICINA

Leia mais

UNP - Universidade Potiguar EDITAL DE OFERTA DE DISCIPLINAS EM TURMA ESPECIAL - 2015 JANEIRO A JUNHO ANEXO: DISCIPLINAS EM OFERTA CURSOS DE GRADUAÇÃO

UNP - Universidade Potiguar EDITAL DE OFERTA DE DISCIPLINAS EM TURMA ESPECIAL - 2015 JANEIRO A JUNHO ANEXO: DISCIPLINAS EM OFERTA CURSOS DE GRADUAÇÃO UNP - Universidade Potiguar EDITAL DE OFERTA DE DISCIPLINAS EM TURMA ESPECIAL - 2015 JANEIRO A JUNHO ANEXO: DISCIPLINAS EM OFERTA CURSOS DE GRADUAÇÃO Curso Disciplina ADMINISTRAÇÃO - NATAL ANÁLISE DE INVESTIMENTOS

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2015. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2015 Ensino Técnico Etec Etec: Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Ambiente e Saúde Habilitação Profissional: Especialização Profissional Técnica

Leia mais

CURSO DE BIOMEDICINA TURMA 380116

CURSO DE BIOMEDICINA TURMA 380116 CURSO DE BIOMEDICINA TURMA 380116 MATEMÁTICA APLICADA 25/05 14h00 às 15h40 ANATOMIA HUMANA 26/05 14h00 às 15h40 QUÍMICA GERAL & FÍSICO-QUÍMICA 27/05 14h00 às 15h40 Até dia 10/06 BIOMEDICINA, ÉTICA &LEGISLAÇÃO

Leia mais

1º SEMESTRE BACHARELADO EDUCAÇÃO FÍSICA MATUTINO

1º SEMESTRE BACHARELADO EDUCAÇÃO FÍSICA MATUTINO GABARITO. 1º SEMESTRE BACHARELADO EDUCAÇÃO FÍSICA MATUTINO ANATOMIA HUMANA E C E C C B C E A D RESPONSABILIDADE SOCIAL E AMBIENTAL E C E D D E A B B C FILOSOFIA E ÉTICA D C E A C A E D D D PSICOLOGIA GERAL

Leia mais

LISTAGEM DAS UNIDADES DE ENSINO OFERTADAS POR CURSO EM 2010/1 EM REGIME DE DEPENDÊNCIA/ADAPTAÇÃO BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO

LISTAGEM DAS UNIDADES DE ENSINO OFERTADAS POR CURSO EM 2010/1 EM REGIME DE DEPENDÊNCIA/ADAPTAÇÃO BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO BACHARELADO EM ADMINISTRAÇÃO Administração de Recursos Humanos II Administração de Sistemas de Informações Contabilidade Básica I Contabilidade Básica II Contabilidade Geral Economia Brasileira e Contemporânea

Leia mais

CURSO DE BACHARELADO EM FARMÁCIA-FORMAÇÃO FARMACÊUTICO GENERALISTA

CURSO DE BACHARELADO EM FARMÁCIA-FORMAÇÃO FARMACÊUTICO GENERALISTA CURSO DE BACHARELADO EM FARMÁCIA-FORMAÇÃO FARMACÊUTICO GENERALISTA Coordenaçăo: Profª. MS. Érika Guimarães Costa E-mail: farmacia@immes.com.br Telefone (96)3223-4244 ramal: 217 O Curso forma o profissional

Leia mais

a) ÁREA DE CONHECIMENTO BÁSICO: História do Pensamento Econômico/História Econômica.

a) ÁREA DE CONHECIMENTO BÁSICO: História do Pensamento Econômico/História Econômica. Campus Governador Valadares Concurso 106: Departamento de Economia Proc. nº 23071.009825/2013-25 Vaga(s): 01(uma) Classe A: Professor Assistente A a) ÁREA DE CONHECIMENTO BÁSICO: Econometria. DAS PROVAS:

Leia mais

Edital de Monitoria do Curso de Nutrição

Edital de Monitoria do Curso de Nutrição Edital de Monitoria do Curso de Nutrição 2014.1 REGULAMENTO DA MONITORIA A prática de monitoria consiste na atuação docente de alunos que auxiliam outros alunos no processo de ensino-aprendizagem. O Curso

Leia mais

Mantenedora FASIPE CENTRO EDUCACIONAL LTDA. Mantida FACULDADE FASIPE MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM

Mantenedora FASIPE CENTRO EDUCACIONAL LTDA. Mantida FACULDADE FASIPE MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM Mantenedora FASIPE CENTRO EDUCACIONAL LTDA. Mantida FACULDADE FASIPE MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM SINOP / MATO GROSSO MATRIZ CURRICULAR ENFERMAGEM 1º SEMESTRE Anatomia Humana I

Leia mais

SERVIÇO NACIONAL DE SELEÇÃO PÚBLICA S/C LTDA

SERVIÇO NACIONAL DE SELEÇÃO PÚBLICA S/C LTDA CURSO DIREITO PRIMEIRO SEMESTRE HISTÓRIA DO DIREITO B E A C E B A D C C LEITURA E PRODUÇÃO DE TEXTO A E D E C A D D A B PSICOLOGIA GERAL B E D C C C A E D B PORTUGUÊS JURÍDICO A D A C B B C C D B SOCIOLOGIA

Leia mais