58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 11 de agosto de 2015

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 11 de agosto de 2015"

Transcrição

1 Jornal Oficial C 263 da União Europeia 58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 11 de agosto de 2015 Índice IV Informações INFORMAÇÕES DAS INSTITUIÇÕES, ÓRGÃOS E ORGANISMOS DA UNIÃO EUROPEIA Comissão Europeia 2015/C 263/01 Taxas de câmbio do euro... 1 V Avisos PROCEDIMENTOS RELATIVOS À EXECUÇÃO DA POLÍTICA DE CONCORRÊNCIA Comissão Europeia 2015/C 263/02 Notificação prévia de uma concentração (Processo M.7652 Raiffeisen Zentralbank Österreich/ /Valida Holding) Processo suscetível de beneficiar do procedimento simplificado ( 1 ) /C 263/03 Notificação prévia de uma concentração (Processo M.7720 Mahindra World City Developers/ /Sumitomo/JV) Processo suscetível de beneficiar do procedimento simplificado ( 1 )... 3 OUTROS ATOS Comissão Europeia 2015/C 263/04 Publicação de um pedido em conformidade com o artigo 50. o, n. o 2, alínea a), do Regulamento (UE) n. o 1151/2012 do Parlamento Europeu e do Conselho relativo aos regimes de qualidade dos produtos agrícolas e dos géneros alimentícios... 4 PT ( 1 ) Texto relevante para efeitos do EEE

2

3 PT Jornal Oficial da União Europeia C 263/1 IV (Informações) INFORMAÇÕES DAS INSTITUIÇÕES, ÓRGÃOS E ORGANISMOS DA UNIÃO EUROPEIA COMISSÃO EUROPEIA Taxas de câmbio do euro ( 1 ) 10 de agosto de 2015 (2015/C 263/01) 1 euro = Moeda Taxas de câmbio USD dólar dos Estados Unidos 1,0960 JPY iene 136,67 DKK coroa dinamarquesa 7,4619 GBP libra esterlina 0,70710 SEK coroa sueca 9,5958 CHF franco suíço 1,0800 ISK coroa islandesa NOK coroa norueguesa 9,0260 BGN lev 1,9558 CZK coroa checa 27,034 HUF forint 311,27 PLN zlóti 4,1968 RON leu romeno 4,4118 TRY lira turca 3,0591 AUD dólar australiano 1,4884 Moeda Taxas de câmbio CAD dólar canadiano 1,4392 HKD dólar de Hong Kong 8,4968 NZD dólar neozelandês 1,6668 SGD dólar singapurense 1,5191 KRW won sul-coreano 1 275,09 ZAR rand 13,9475 CNY iuane 6,8058 HRK kuna 7,5310 IDR rupia indonésia ,56 MYR ringgit 4,3144 PHP peso filipino 50,213 RUB rublo 70,4100 THB baht 38,513 BRL real 3,8559 MXN peso mexicano 17,7623 INR rupia indiana 70,0028 ( 1 ) Fonte: Taxas de câmbio de referência publicadas pelo Banco Central Europeu.

4 C 263/2 PT Jornal Oficial da União Europeia V (Avisos) PROCEDIMENTOS RELATIVOS À EXECUÇÃO DA POLÍTICA DE CONCORRÊNCIA COMISSÃO EUROPEIA Notificação prévia de uma concentração (Processo M.7652 Raiffeisen Zentralbank Österreich/Valida Holding) Processo suscetível de beneficiar do procedimento simplificado (Texto relevante para efeitos do EEE) (2015/C 263/02) 1. Em 3 de agosto de 2015, a Comissão recebeu a notificação de um projeto de concentração, nos termos do artigo 4. o do Regulamento (CE) n. o 139/2004 do Conselho ( 1 ), pelo qual a Raiffeisen Zentralbank Österreich AG («RZB», Áustria) adquire, na aceção do artigo 3. o, n. o 1, alínea b), do Regulamento das Concentrações, o controlo da totalidade da Valida Holding AG («Valida», Áustria), mediante aquisição de ações. 2. As atividades das empresas em causa são as seguintes: A RZB é a instituição central do Raiffeisen Banking Group Austria. Desenvolve a sua atividade nos serviços financeiros e presta uma série de serviços aos seus membros (a cooperativa). As suas atividades centram-se na Áustria, mas também está presente na Europa Central e Oriental através da sua participação no grupo bancário Raiffeisen Bank International; A atividade da Valida centra-se na oferta de planos de pensões de empresa na Áustria, através da oferta de fundos de pensões e de fundos de indemnização por despedimento. 3. Após uma análise preliminar, a Comissão considera que a operação notificada pode ser abrangida pelo âmbito de aplicação do Regulamento das Concentrações. Reserva-se, contudo, o direito de tomar uma decisão final sobre este ponto. De acordo com a Comunicação da Comissão relativa a um procedimento simplificado para o tratamento de certas concentrações nos termos do Regulamento (CE) n. o 139/2004 do Conselho ( 2 ), o referido processo é suscetível de beneficiar do procedimento previsto na comunicação. 4. A Comissão solicita aos terceiros interessados que lhe apresentem as suas eventuais observações sobre o projeto de concentração em causa. As observações devem ser recebidas pela Comissão no prazo de 10 dias a contar da data da presente publicação. Podem ser enviadas por fax ( ), por correio eletrónico para ou por via postal, com a referência M.7652 Raiffeisen Zentralbank Österreich/Valida Holding, para o seguinte endereço: Comissão Europeia Direção-Geral da Concorrência Registo das Concentrações 1049 Bruxelles/Brussel BELGIQUE/BELGIË ( 1 ) JO L 24 de , p. 1 («Regulamento das Concentrações»). ( 2 ) JO C 366 de , p. 5.

5 PT Jornal Oficial da União Europeia C 263/3 Notificação prévia de uma concentração (Processo M.7720 Mahindra World City Developers/Sumitomo/JV) Processo suscetível de beneficiar do procedimento simplificado (Texto relevante para efeitos do EEE) (2015/C 263/03) 1. Em 3 de agosto de 2015, a Comissão recebeu a notificação de um projeto de concentração, nos termos do artigo 4. o do Regulamento (CE) n. o 139/2004 do Conselho ( 1 ), pelo qual a Mahindra World City Developers Limited («Mahindra World City Developers», Índia), pertencente ao grupo de empresas Mahindra, e a Sumitomo Corporation («Sumitomo», Japão) adquirem, na aceção do artigo 3. o, n. o 1, alínea b), e n. o 4, do Regulamento das Concentrações, o controlo conjunto da empresa comum recém-criada Mahindra Industrial Park Chennai Limited. 2. As atividades das empresas em causa são as seguintes: Mahindra World City Developers: empreendimentos industriais, comerciais e residenciais; Sumitomo: fornecimento de serviços e produtos em diferentes setores de atividade, incluindo comércio de produtos metálicos, sistemas de transporte e de construção, ambiente e infraestruturas, produtos químicos e eletrónica, meios de comunicação social, redes e bens relacionados com o estilo de vida, recursos minerais, energia e desenvolvimento, marketing, venda e gestão de parques industriais. 3. Após uma análise preliminar, a Comissão considera que a operação notificada pode ser abrangida pelo âmbito de aplicação do Regulamento das Concentrações. Reserva-se, contudo, o direito de tomar uma decisão final sobre este ponto. De acordo com a Comunicação da Comissão relativa a um procedimento simplificado para o tratamento de certas concentrações nos termos do Regulamento (CE) n. o 139/2004 do Conselho ( 2 ), o referido processo é suscetível de beneficiar do procedimento previsto na comunicação. 4. A Comissão solicita aos terceiros interessados que lhe apresentem as suas eventuais observações sobre o projeto de concentração em causa. As observações devem ser recebidas pela Comissão no prazo de 10 dias a contar da data da presente publicação. Podem ser enviadas por fax ( ), por correio eletrónico para ou por via postal, com a referência M.7720 Mahindra World City Developers/Sumitomo/JV, para o seguinte endereço: Comissão Europeia Direção-Geral da Concorrência Registo das Concentrações 1049 Bruxelles/Brussel BELGIQUE/BELGIË ( 1 ) JO L 24 de , p. 1 («Regulamento das Concentrações»). ( 2 ) JO C 366 de , p. 5.

6 C 263/4 PT Jornal Oficial da União Europeia OUTROS ATOS COMISSÃO EUROPEIA Publicação de um pedido em conformidade com o artigo 50. o, n. o 2, alínea a), do Regulamento (UE) n. o 1151/2012 do Parlamento Europeu e do Conselho relativo aos regimes de qualidade dos produtos agrícolas e dos géneros alimentícios (2015/C 263/04) A presente publicação confere direito de oposição ao pedido nos termos do artigo 51. o do Regulamento (UE) n. o 1151/2012 do Parlamento Europeu e do Conselho ( 1 ). 1. Nome(s) «Cantuccini Toscani»/«Cantucci Toscani» 2. Estado-Membro ou país terceiro Itália DOCUMENTO ÚNICO «CANTUCCINI TOSCANI»/«CANTUCCI TOSCANI» N. o UE: IT-PGI DOP ( ) IGP ( X ) 3. Descrição do produto agrícola ou género alimentício 3.1. Tipo de produto Classe 2.3. Produtos de padaria, de pastelaria, de confeitaria ou da indústria de bolachas e biscoitos 3.2. Descrição do produto correspondente ao nome indicado no ponto 1 «Cantuccini Toscani»/«Cantucci Toscani» designa o produto de pastelaria obtido da laboração de massa à base de farinha, amêndoas naturais inteiras (não peladas), açúcar, ovos, manteiga e mel, a qual vai ao forno a cozer. No momento da colocação no mercado, o produto apresenta forma tradicional característica semioval, obtida por corte diagonal da massa em forma de baguete («filone») após a cozedura, e peso máximo de 15 g por unidade. As dimensões não ultrapassam 10 cm de comprimento, 3 cm de altura e 2,8 cm de largura, resultantes do corte das baguetes após a cozedura. Depois de cozido, o bolo apresenta cor creme no interior, caracterizada por alvéolos ligeiramente irregulares devido à levedação do produto, com amêndoas por pelar repartidas de forma aleatória, e, no exterior, cor dourada devido à cozedura. A textura dos «Cantuccini Toscani»/«Cantucci Toscani» é ligeiramente estaladiça, inicialmente granulosa e depois derretendo-se, graças à manteiga que entra na sua composição, com humidade relativa compreendida entre 3 %, no mínimo, e 7 %, no máximo Alimentos para animais (unicamente para os produtos de origem animal) e matérias-primas (unicamente para os produtos transformados) A preparação da massa de «Cantuccini Toscani»/«Cantucci Toscani» prevê a utilização obrigatória dos seguintes ingredientes, para um quilo de massa: Farinha de trigo; Amêndoa natural inteira (não pelada), humidade relativa máxima de 8,5 %, proporção mínima de 17 %, de modo a garantir sempre, depois da cozedura, a proporção mínima de 20 % por quilo de produto acabado; Ovos de galinha pasteurizados e gemas de ovos, com uma proporção mínima de 3 % de gemas; 1,5 %, no mínimo, de manteiga; ( 1 ) JO L 343 de , p. 1.

7 PT Jornal Oficial da União Europeia C 263/5 Entre 20 % e 40 % de açúcar pilé, cristalizado ou areado; Entre 0,3 % e 1,5 % de mel multiflores, para além do açúcar e do fermento, q.b. Ingredientes facultativos: Autoriza-se a utilização (q.b.) de xarope de glucose ou de açúcar invertido (apenas quando a massa está dourada), sal, leite inteiro, aromatizantes ou aromatizantes naturais. Não é autorizado mais nenhum ingrediente, aditivo, corante ou conservante. A utilização de ovos e gemas em pó é proibida. Não é autorizada a utilização de amêndoa fatiada, partida ou em pó Fases específicas da produção que devem ter lugar na área geográfica identificada Todas as etapas de produção dos «Cantuccini Toscani»/«Cantucci Toscani», desde a laboração dos ingredientes até à cozedura, devem ocorrer na área geográfica identificada Regras específicas relativas à fatiagem, ralagem, acondicionamento, etc. do produto a que o nome registado se refere Os «Cantuccini Toscani»/«Cantucci Toscani» são comercializados embalados. Trata-se de biscoitos secos, com tendência para absorverem a humidade ambiente. Assim sendo, o acondicionamento deve ocorrer na área geográfica identificada, de modo a impedir a absorção da humidade e garantir a conservação das características organoléticas que conferem reconhecimento ao produto, o qual é «molhado», ou seja, mergulhado, «para amolecer», em «Vin Santo». O produto pode ser comercializado a granel, diretamente nos estabelecimentos de fabrico, desde que colocado em compartimentos ou recipientes específicos, munidos de rótulos bem visíveis que ostentem as informações previstas para as embalagens Regras específicas relativas à rotulagem do produto a que o nome registado se refere A embalagem deve ostentar as menções «Cantuccini Toscani»/«Cantucci Toscani» e «Indicazione Geografica Protetta», por extenso ou pela respetiva sigla (IGP), bem como as seguintes informações complementares: Símbolo de Indicação Geográfica Protegida previsto pela União; Nome, firma e endereço da empresa encarregada do fabrico e/ou do acondicionamento; Logótipo do produto relativo à imagem cuja utilização é indissociável da Indicação Geográfica Protegida. Para além das indicações sobre nomes de firmas e marcas particulares, o rótulo pode ainda incluir a menção «com amêndoa» e outras indicações facultativas de informação ao consumidor e/ou informações de ordem nutricional, desde que desprovidas de caráter laudatório ou de índole a induzir em erro o consumidor. A embalagem pode indicar a percentagem de amêndoa incluída no produto. Logótipo do produto. 4. Delimitação concisa da área geográfica A área de fabrico dos «Cantuccini Toscani»/«Cantucci Toscani» abrange todo o território administrativo da região da Toscânia. 5. Relação com a área geográfica A Toscânia caracteriza-se por forte implantação de confeitaria artesanal, a qual testemunha o papel importante da região ao longo dos diferentes períodos da História: a criação e divulgação da arte da pastelaria e confeitaria na Toscânia beneficiaram das inúmeras trocas de mercadorias, especiarias, ideias e receitas que a posição central da região desde sempre propiciou.

8 C 263/6 PT Jornal Oficial da União Europeia Os ingredientes utilizados nos «Cantuccini Toscani»/«Cantucci Toscani», nomeadamente a amêndoa e a manteiga como única matéria gorda, conferem ao produto características peculiares em termos de qualidade, perfume o porosidade, garantes da reputação dos «Cantuccini Toscani»/«Cantucci Toscani» enquanto biscoito simultaneamente típico, rústico e refinado. As técnicas simples de fabrico foram consolidadas na tradição pasteleira toscana e amplamente adotadas pelos estabelecimentos de fabrico. Durante a segunda metade do século XIX, o historiador Ferri salienta a presença da amêndoa na receita e declara que «o termo cantucci (côdea) não era abusivamente utilizado para designar os biscoitos de amêndoa» e o escritor Giuseppe Pitré, em «Novelle Popolari Toscane», recolhidas numa das suas viagens na região, descreve os «cantucci» como uma «espécie de biscoito» toscano típico. No início do século XX, graças, nomeadamente, ao aumento da produção que saía dos numerosos fornos de padeiro da região, os «Cantuccini Toscani»/«Cantucci Toscani» eram considerados como especialidade conhecida mesmo além das fronteiras regionais, sendo citados como exemplo de biscoito típico da Toscânia. Constitui prova bastante a publicação, em 1907, do manual «Il Pasticciere e confettiere moderno» de G. Ciocca, edições Hoepli. A reputação do «Cantuccini Toscan»/«Cantucci Toscani» consolidou-se além das fronteiras nacionais nomeadamente graças à presença de manteiga e fermento, que o transformam em produto de longa conservação, especialmente adaptado à exportação, a ponto de o incluir entre os biscoitos secos italianos mais conhecidos no mundo, muito embora conservando uma forte identidade de biscoitos regionais. Assinalam-se grande exportações do produto para lojas especializadas em produtos italianos no estrangeiro, como bem atestado por fotografias de embalagens de «Cantuccini Toscani»/«Cantucci Toscani» destinadas aos mercados internacionais, bem como a participação de fabricantes em feiras internacionais especializadas do setor (1986, IBA Fair Hambourg). A associação ao «Vin Santo» está tipicamente ligada à região da Toscânia, tendo contribuído para a reputação internacional dos «Cantuccini Toscani»/«Cantucci Toscani» como biscoito de sobremesa, a mergulhar em vinhos licorosos. São disto testemunho os inúmeros restaurantes típicos italianos que propõem como sobremesa aos seus clientes «Cantuccini Toscani»/«Cantucci Toscani» com um copo de «Vin Santo». Cita-se igualmente o artigo publicado na versão em linha do jornal diário «Il Giornale», de , em que se indica que o presidente dos Estados Unidos pediu expressamente «Cantuccini Toscani»/«Cantucci Toscani» acompanhados de «Vin Santo» para a ementa de Ano Novo. O produto é referido amiúde em blogs de culinária, em receitas apresentadas na internet, em guias turísticos (Guide enogastronomia «L'Italia dei Dolci», ed. Touring Club Italiano 2004) e em muitos dicionários italianos (desde o «Grande Dizionario della Lingua Italiana», de Salvatore Battaglia, 1962, até ao «Dizionario della Lingua Italiana» de Tullio De Mauro, 2000) e estrangeiros (por exemplo, o «Larousse Online multilingue»), que definem «Cantuccini Toscani»/«Cantucci Toscani» como um biscoito típico da Toscânia, comprovando assim que esta especialidade é reconhecida como sendo típica da Toscânia pelos consumidores do mundo inteiro e que o seu nome se impôs na linguagem corrente, a nível nacional e internacional. O consumo deste produto toscano em todo o território nacional é demonstrado não só pela grande quantidade de padarias que fabricam «Cantuccini Toscani»/«Cantucci Toscani», nomeadamente nas épocas festivas, mas também pela presença do produto nas prateleiras dos supermercados e nas lojas de produtos alimentares de diversas províncias italianas. Referência à publicação do caderno de especificações (artigo 6. o, n. o 1, segundo parágrafo, do presente regulamento). A atual administração lançou o procedimento nacional de oposição, publicando a proposta de reconhecimento da IGP «Cantuccini Toscani»/«Cantucci Toscani» na Gazzetta Ufficiale della Repubblica Italiana n. o 154 de O texto consolidado do caderno de especificações pode ser consultado no endereço internet: ou acedendo diretamente à página inicial do sítio web do Ministero delle politiche agricole alimentari e forestali (http://www.politicheagricole.it), clicando em «Prodotti DOP e IGP» (no canto superior direito do ecrã) e em «Prodotti DOP IGP STG» (à esquerda do ecrã) e, por último, em «Disciplinari di Produzione all esame dell UE».

9

10

11

12 ISSN (edição eletrónica) ISSN (edição em papel) PT

59. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 14 de janeiro de 2016

59. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 14 de janeiro de 2016 Jornal Oficial C 11 da União Europeia 59. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 14 de janeiro de 2016 Índice IV Informações INFORMAÇÕES DAS INSTITUIÇÕES, ÓRGÃOS E ORGANISMOS DA UNIÃO

Leia mais

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 9 de setembro de 2015

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 9 de setembro de 2015 Jornal Oficial C 297 da União Europeia 58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 9 de setembro de 2015 Índice II Comunicações COMUNICAÇÕES DAS INSTITUIÇÕES, ÓRGÃOS E ORGANISMOS DA

Leia mais

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 5 de setembro de 2015

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 5 de setembro de 2015 Jornal Oficial C 293 da União Europeia 58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 5 de setembro de 2015 Índice IV Informações INFORMAÇÕES DAS INSTITUIÇÕES, ÓRGÃOS E ORGANISMOS DA

Leia mais

60. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 19 de julho de 2017

60. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 19 de julho de 2017 Jornal Oficial C 233 da União Europeia 60. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 19 de julho de 2017 Índice II Comunicações COMUNICAÇÕES DAS INSTITUIÇÕES, ÓRGÃOS E ORGANISMOS DA

Leia mais

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 15 de agosto de 2015

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 15 de agosto de 2015 Jornal Oficial C 269 da União Europeia 58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 15 de agosto de 2015 Índice II Comunicações COMUNICAÇÕES DAS INSTITUIÇÕES, ÓRGÃOS E ORGANISMOS DA

Leia mais

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 18 de junho de 2015

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 18 de junho de 2015 Jornal Oficial C 201 da União Europeia 58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 18 de junho de 2015 Índice III Atos preparatórios Banco Central Europeu 2015/C 201/01 Recomendação

Leia mais

Jornal Oficial da União Europeia L 147. Legislação. Atos não legislativos. 59. o ano. Edição em língua portuguesa. 3 de junho de 2016.

Jornal Oficial da União Europeia L 147. Legislação. Atos não legislativos. 59. o ano. Edição em língua portuguesa. 3 de junho de 2016. Jornal Oficial da União Europeia L 147 Edição em língua portuguesa Legislação 59. o ano 3 de junho de 2016 Índice II Atos não legislativos REGULAMENTOS Regulamento de Execução (UE) 2016/869 da Comissão,

Leia mais

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 11 de junho de 2015

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 11 de junho de 2015 Jornal Oficial C 193 da União Europeia 58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 11 de junho de 2015 Índice IV Informações INFORMAÇÕES DAS INSTITUIÇÕES, ÓRGÃOS E ORGANISMOS DA UNIÃO

Leia mais

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 31 de julho de 2015

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 31 de julho de 2015 Jornal Oficial C 250 da União Europeia 58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 31 de julho de 2015 Índice I Resoluções, recomendações e pareceres RECOMENDAÇÕES Conselho 2015/C

Leia mais

Orientações finais. Orientações revistas sobre a especificação adicional dos indicadores de importância sistémica global e sua divulgação

Orientações finais. Orientações revistas sobre a especificação adicional dos indicadores de importância sistémica global e sua divulgação EBA/GL/2016/01 13 de janeiro de 2016 Orientações finais Orientações revistas sobre a especificação adicional dos indicadores de importância sistémica global e sua divulgação Natureza das presentes Orientações

Leia mais

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 30 de julho de 2015

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 30 de julho de 2015 Jornal Oficial C 249 da União Europeia 58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 30 de julho de 2015 Índice II Comunicações COMUNICAÇÕES DAS INSTITUIÇÕES, ÓRGÃOS E ORGANISMOS DA

Leia mais

Comissões Euros (Mín/Máx) Valor Anual

Comissões Euros (Mín/Máx) Valor Anual 9.1. Depósitos à ordem Conta Associações Sem Fins Lucrativos: Destina-se a Entidades que comprovem através dos estatutos ou pacto social que não têm fins lucrativos; montante mínimo de abertura: N.A Conta

Leia mais

Quadro aplicável às taxas de câmbio de referência do euro

Quadro aplicável às taxas de câmbio de referência do euro Quadro aplicável às taxas de câmbio de referência do euro As taxas de câmbio de referência do euro publicadas pelo Banco Central Europeu (BCE) (também designadas taxas de referência do BCE ), o BCE, na

Leia mais

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 7 de julho de 2015

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 7 de julho de 2015 Jornal Oficial C 222 da União Europeia 58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 7 de julho de 2015 Índice IV Informações INFORMAÇÕES DAS INSTITUIÇÕES, ÓRGÃOS E ORGANISMOS DA UNIÃO

Leia mais

60. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 23 de maio de 2017

60. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 23 de maio de 2017 Jornal Oficial C 162 da União Europeia 60. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 23 de maio de 2017 Índice II Comunicações COMUNICAÇÕES DAS INSTITUIÇÕES, ÓRGÃOS E ORGANISMOS DA UNIÃO

Leia mais

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 26 de junho de 2015

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 26 de junho de 2015 Jornal Oficial C 210 da União Europeia 58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 26 de junho de 2015 Índice II Comunicações COMUNICAÇÕES DAS INSTITUIÇÕES, ÓRGÃOS E ORGANISMOS DA

Leia mais

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 4 de junho de 2015

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 4 de junho de 2015 Jornal Oficial C 183 da União Europeia 58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 4 de junho de 2015 Índice II Comunicações COMUNICAÇÕES DAS INSTITUIÇÕES, ÓRGÃOS E ORGANISMOS DA UNIÃO

Leia mais

CFDs Acções. País Divisa Posições longas Posições curtas Tarifário Pontos básicos Pontos básicos

CFDs Acções. País Divisa Posições longas Posições curtas Tarifário Pontos básicos Pontos básicos AUD 550 550 Standard Posições longas (investidor paga juros): Libor da Moeda AUD +550 pontos básicos; Posições curtas: Libid da moeda AUD - Canadá CAD 550 550 Standard Posições longas (investidor paga

Leia mais

Campo Formato Posição Conteúdo Descrição Data X(10) 1-10 Data da operação. Formato: AAAA-MM-DD.

Campo Formato Posição Conteúdo Descrição Data X(10) 1-10 Data da operação. Formato: AAAA-MM-DD. Termo de Moedas Nome do Arquivo Registro de Contrato do Participante Header Campo Formato Posição Conteúdo Descrição Data X(10) 1-10 Data da operação. Formato: AAAA-MM-DD. Registro Campo Formato Posição

Leia mais

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 28 de maio de 2015

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 28 de maio de 2015 Jornal Oficial C 174 da União Europeia 58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 28 de maio de 2015 Índice IV Informações INFORMAÇÕES DAS INSTITUIÇÕES, ÓRGÃOS E ORGANISMOS DA UNIÃO

Leia mais

59. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 19 de abril de 2016

59. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 19 de abril de 2016 Jornal Oficial C 137 da União Europeia 59. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 19 de abril de 2016 Índice II Comunicações COMUNICAÇÕES DAS INSTITUIÇÕES, ÓRGÃOS E ORGANISMOS DA

Leia mais

Orientações EBA/GL/2015/

Orientações EBA/GL/2015/ EBA/GL/2015/19 19.10.2015 Orientações sobre as notificações de passaporte de intermediários de crédito que intervenham em operações de crédito abrangidas pela Diretiva de Crédito Hipotecário 1 1. Obrigações

Leia mais

Informação sobre ingredientes. que provoquem alergias ou intolerâncias

Informação sobre ingredientes. que provoquem alergias ou intolerâncias Informação sobre ingredientes que provoquem alergias ou intolerâncias O Regulamento (UE) N.º 1169/2011, relativo à prestação de informação aos consumidores sobre os géneros alimentícios, entrou em vigor

Leia mais

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 24 de dezembro de 2015

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 24 de dezembro de 2015 Jornal Oficial C 435 da União Europeia 58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 24 de dezembro de 2015 Índice II Comunicações COMUNICAÇÕES DAS INSTITUIÇÕES, ÓRGÃOS E ORGANISMOS

Leia mais

CONVITE. Ajuste Direto 001/2014 ARTIGO 1º IDENTIFICAÇÃO DO PROCEDIMENTO

CONVITE. Ajuste Direto 001/2014 ARTIGO 1º IDENTIFICAÇÃO DO PROCEDIMENTO CONVITE Ajuste Direto 001/2014 ARTIGO 1º IDENTIFICAÇÃO DO PROCEDIMENTO O presente procedimento tem a seguinte designação: AJUSTE DIRETO 001/2014 AQUISIÇAÕ DE LEITE ESCOLAR ANO LETIVO 2014/2015. ARTIGO

Leia mais

BANCO COMERCIAL PORTUGUÊS, S.A. 1. CONTAS DE DEPÓSITO (PARTICULARES) Entrada em vigor: 21-out-2015 (ÍNDICE) 1.1. Depósitos à ordem

BANCO COMERCIAL PORTUGUÊS, S.A. 1. CONTAS DE DEPÓSITO (PARTICULARES) Entrada em vigor: 21-out-2015 (ÍNDICE) 1.1. Depósitos à ordem 1.1. Depósitos à ordem Comissões Euros (Mín/Máx) Valor Anual Imposto 1ª Conta: O único titular é o menor que deverá ter entre 0 e 13 anos de idade; montante mínimo de abertura: 50 (ou equivalente noutra

Leia mais

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 30 de abril de 2015

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 30 de abril de 2015 Jornal Oficial C 143 da União Europeia 58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 30 de abril de 2015 Índice II Comunicações COMUNICAÇÕES DAS INSTITUIÇÕES, ÓRGÃOS E ORGANISMOS DA

Leia mais

REGULAMENTOS. (Texto relevante para efeitos do EEE)

REGULAMENTOS. (Texto relevante para efeitos do EEE) 30.4.2016 PT L 116/3 REGULAMENTOS REGULAMENTO DE EXECUÇÃO (UE) 2016/672 DA COMISSÃO de 29 de abril de 2016 que aprova o ácido peracético como substância ativa existente para utilização em s biocidas dos

Leia mais

Um futuro mais Bio: Bom para si, Bom para a natureza!

Um futuro mais Bio: Bom para si, Bom para a natureza! 1 a 3 de junho de 2017, Auditório do INIAV, I.P., Oeiras, Portugal I Fórum Ibérico sobre Produção Animal Biológica I Foro Ibérico sobre Ganaderia Ecológica I Iberian Forum on Organic Animal Production

Leia mais

Envia-se em anexo, à atenção das delegações, o documento da Comissão D019491/12.

Envia-se em anexo, à atenção das delegações, o documento da Comissão D019491/12. CONSELHO DA UNIÃO EUROPEIA Bruxelas, 21 de março de 2012 (22.03) (OR. en) 7966/12 DENLEG 29 AGRI 168 NOTA DE ENVIO de: Comissão Europeia data de receção: 19 de março de 2012 para: Secretariado-Geral do

Leia mais

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 13 de agosto de 2015

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 13 de agosto de 2015 Jornal Oficial C 265 da União Europeia 58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 13 de agosto de 2015 Índice IV Informações INFORMAÇÕES DAS INSTITUIÇÕES, ÓRGÃOS E ORGANISMOS DA UNIÃO

Leia mais

REGULAMENTOS. Tendo em conta o Tratado sobre o Funcionamento da União Europeia,

REGULAMENTOS. Tendo em conta o Tratado sobre o Funcionamento da União Europeia, 28.5.2014 L 159/41 REGULAMENTOS REGULAMENTO DELEGADO (UE) N. o 574/2014 DA COMISSÃO de 21 de fevereiro de 2014 que altera o anexo III do Regulamento (UE) n. o 305/2011 do Parlamento Europeu e do Conselho

Leia mais

CRITÉRIOS PARA QUALIFICAÇÃO DE PRODUTOS DA DOÇARIA TRADICIONAL PORTUGUESA

CRITÉRIOS PARA QUALIFICAÇÃO DE PRODUTOS DA DOÇARIA TRADICIONAL PORTUGUESA CRITÉRIOS PARA QUALIFICAÇÃO DE PRODUTOS DA DOÇARIA TRADICIONAL PORTUGUESA 1. QUALIFICAÇÃO DE PRODUTOS DA DOÇARIA TRADICIONAL PORTUGUESA - Sistema de valorização dos produtos da doçaria portuguesa, obtidos

Leia mais

Jornal Oficial da União Europeia L 77/25

Jornal Oficial da União Europeia L 77/25 23.3.2011 Jornal Oficial da União Europeia L 77/25 REGULAMENTO (UE) N. o 284/2011 DA COMISSÃO de 22 de Março de 2011 que fixa as condições específicas e os procedimentos pormenorizados para a importação

Leia mais

(Texto relevante para efeitos do EEE)

(Texto relevante para efeitos do EEE) 18.10.2016 L 280/13 REGULAMENTO DE EXECUÇÃO (UE) 2016/1832 DA COMISSÃO de 17 de outubro de 2016 que altera os modelos de certificados para as importações na União de preparados de carne, produtos à base

Leia mais

Jornal Oficial da União Europeia L 40/7

Jornal Oficial da União Europeia L 40/7 11.2.2009 Jornal Oficial da União Europeia L 40/7 REGULAMENTO (CE) N. o 124/2009 DA COMISSÃO de 10 de Fevereiro de 2009 que define limites máximos para a presença de coccidiostáticos ou histomonostáticos

Leia mais

Conta Millennium. Ficha de Informação Normalizada. Pág. 1 / Designação Condições de Acesso Modalidade

Conta Millennium. Ficha de Informação Normalizada. Pág. 1 / Designação Condições de Acesso Modalidade Designação Condições de Acesso Modalidade Meios de Movimentação Moeda Montante Taxa de Remuneração Cálculo de Juros Pagamento de Juros Regime Fiscal Comissões e Despesas Conta Millennium Clientes Particulares,

Leia mais

Jornal Oficial da União Europeia L 106/55

Jornal Oficial da União Europeia L 106/55 28.4.2009 Jornal Oficial da União Europeia L 106/55 DECISÃO DA COMISSÃO de 23 de Abril de 2009 que autoriza a colocação no mercado de licopeno como novo ingrediente alimentar, nos termos do Regulamento

Leia mais

Envia-se em anexo, à atenção das delegações, o documento D048142/02.

Envia-se em anexo, à atenção das delegações, o documento D048142/02. Conselho da União Europeia Bruxelas, 25 de janeiro de 2017 (OR. en) 5609/17 ENV 60 NOTA DE ENVIO de: Comissão Europeia data de receção: 24 de janeiro de 2017 para: n. doc. Com.: D048142/02 Assunto: Secretariado-Geral

Leia mais

REGULAMENTO (UE) N.º /.. DA COMISSÃO. de XXX

REGULAMENTO (UE) N.º /.. DA COMISSÃO. de XXX COMISSÃO EUROPEIA Bruxelas, XXX SANCO/10387/2013 Rev.1 (POOL/E3/2013/10387/10387R1- EN.doc) D030733/02 [ ](2013) XXX draft REGULAMENTO (UE) N.º /.. DA COMISSÃO de XXX que concede uma derrogação a certas

Leia mais

COMUNICADO SISTEMA DE CONTRATOS A TERMO Nº001/01. Ref.: Contratos a Termo de Moeda Sem Entrega Física.

COMUNICADO SISTEMA DE CONTRATOS A TERMO Nº001/01. Ref.: Contratos a Termo de Moeda Sem Entrega Física. COMUNICADO SISTEMA DE CONTRATOS A TERMO Nº001/01 Aos Participantes do Sistema de Contratos a Termo Ref.: Contratos a Termo de Moeda Sem Entrega Física. A Central de Custódia e de Liquidação Financeira

Leia mais

BANCO COMERCIAL PORTUGUÊS, S.A. 17. CONTAS DE DEPÓSITO (PARTICULARES) (ÍNDICE) Entrada em vigor: 06-dez

BANCO COMERCIAL PORTUGUÊS, S.A. 17. CONTAS DE DEPÓSITO (PARTICULARES) (ÍNDICE) Entrada em vigor: 06-dez 17.1. Depósitos à ordem Conta Cliente de Solicitador: O titular é o Solicitador; montante mínimo de abertura: N.A. Conta Cliente de Solicitador < 30.000 0,000% 30.000 a 50.000 0,0625% Períodicidade mensal.

Leia mais

Taxa Anual Nominal Bruta (TANB)

Taxa Anual Nominal Bruta (TANB) 19.1. Depósitos à ordem Tipo de Conta Conta Cliente de Solicitador: O titular é o Solicitador; montante mínimo de abertura: n.a. Conta Cliente de Solicitador < 30.000 0,000% 30.000 a 50.000 0,0625% > 50.000

Leia mais

(Atos não legislativos) REGULAMENTOS

(Atos não legislativos) REGULAMENTOS PT L 341/10 Jornal Oficial da União Europeia 18.12.2013 II (Atos não legislativos) REGULAMENTOS REGULAMENTO DE EXECUÇÃO (UE) N. o 1352/2013 DA COMISSÃO de 4 de dezembro de 2013 que estabelece os formulários

Leia mais

Mercado Cambial é a parte do mercado financeiro onde se realizam as operações de compra e venda de moeda estrangeira Funciona 24 h à escala

Mercado Cambial é a parte do mercado financeiro onde se realizam as operações de compra e venda de moeda estrangeira Funciona 24 h à escala MERCADO CAMBIAL 1 Mercado Cambial é a parte do mercado financeiro onde se realizam as operações de compra e venda de moeda estrangeira Funciona 24 h à escala planetária (devido á diferença horária entre

Leia mais

Sugestão de produtos D. Ermelinda Doçaria Portuguesa

Sugestão de produtos D. Ermelinda Doçaria Portuguesa Sugestão de produtos D. Ermelinda Doçaria Portuguesa Preços de Venda a Público indicados com IVA à taxa legal em vigor. Sobre estes valores incidirá o desconto promocional atribuído aos associados da AEP.

Leia mais

Assunto: Contrato-quadro múltiplo para estudos nos domínios do ambiente, das alterações climáticas, da energia e da política espacial CDR/TL1/68/2016

Assunto: Contrato-quadro múltiplo para estudos nos domínios do ambiente, das alterações climáticas, da energia e da política espacial CDR/TL1/68/2016 Bruxelas, 5 de setembro de 2016 LT/MC/IU/D1777/2016 Ex. ma Senhora, Ex. mo Senhor, Assunto: Contrato-quadro múltiplo para estudos nos domínios do ambiente, das alterações climáticas, da energia e da política

Leia mais

(Texto relevante para efeitos do EEE)

(Texto relevante para efeitos do EEE) 17.6.2016 L 160/23 REGULAMENTO DE EXECUÇÃO (UE) 2016/959 DA COMISSÃO de 17 de maio de 2016 que estabelece normas técnicas de execução para as sondagens de mercado no que se refere aos sistemas e modelos

Leia mais

CONSELHO DA UNIÃO EUROPEIA. Bruxelas, 16 de abril de 2013 (17.04) (OR. en) 8481/13 DENLEG 34 AGRI 240

CONSELHO DA UNIÃO EUROPEIA. Bruxelas, 16 de abril de 2013 (17.04) (OR. en) 8481/13 DENLEG 34 AGRI 240 CONSELHO DA UNIÃO EUROPEIA Bruxelas, 16 de abril de 2013 (17.04) (OR. en) 8481/13 DENLEG 34 AGRI 240 NOTA DE ENVIO de: Comissão Europeia data de receção: 11 de abril de 2013 para: Secretariado-Geral do

Leia mais

Direção Geral de Alimentação e Veterinária ROTULAGEM DE ORIGEM. Novas regras. Maria Teresa Carrilho DSNA-DAH

Direção Geral de Alimentação e Veterinária ROTULAGEM DE ORIGEM. Novas regras. Maria Teresa Carrilho DSNA-DAH ROTULAGEM DE ORIGEM Novas regras Maria Teresa Carrilho DSNA-DAH Congresso Nacional da Indústria Portuguesa de Carnes. Lisboa, 6 de maio de 2014 REGULAMENTO (UE) N.º 1169/2011 06-05-2014 2 Principais alterações

Leia mais

Jornal Oficial da União Europeia L 109/47

Jornal Oficial da União Europeia L 109/47 30.4.2009 Jornal Oficial da União Europeia L 109/47 DECISÃO DA COMISSÃO de 28 de Abril de 2009 que autoriza a colocação no mercado de oleorresina de licopeno de tomate como novo ingrediente alimentar,

Leia mais

Condições Zootécnicas e Genealógicas

Condições Zootécnicas e Genealógicas Condições Zootécnicas e Genealógicas Legislação Consolidada Data de actualização: 24/01/2011 Texto consolidado produzido pelo sistema CONSLEG do serviço das publicações oficiais das comunidades Europeias.

Leia mais

Como vender MAIS com base nos RECURSOS DA REGIÃO. 25 de maio de 2012 Castelo Branco Alberto Ribeiro de Almeida

Como vender MAIS com base nos RECURSOS DA REGIÃO. 25 de maio de 2012 Castelo Branco Alberto Ribeiro de Almeida Como vender MAIS com base nos RECURSOS DA REGIÃO 25 de maio de 2012 Castelo Branco Alberto Ribeiro de Almeida Regulamento (CE) 510/2006 (DOP/IGP) Regulamento (CE) 509/2006 (ETG) Regulamento (CE) 1924/2006

Leia mais

3. Deve apresentar a sua proposta exclusivamente em papel, com um original e duas cópias. Bruxelas, 5 de abril de 2016 KT/NP/MH / - D/652/2016

3. Deve apresentar a sua proposta exclusivamente em papel, com um original e duas cópias. Bruxelas, 5 de abril de 2016 KT/NP/MH / - D/652/2016 Bruxelas, 5 de abril de 2016 KT/NP/MH / - D/652/2016 Ex.mo(a) Sr.(a) Assunto: Contrato-quadro múltiplo de prestação de serviços CDR/TL2/14/2016 Lote 1: Política de coesão Lote 2: Política urbana Lote 3:

Leia mais

Proposta de DECISÃO DE EXECUÇÃO DO CONSELHO

Proposta de DECISÃO DE EXECUÇÃO DO CONSELHO COMISSÃO EUROPEIA Bruxelas, 7.10.2016 COM(2016) 644 final 2016/0314 (NLE) Proposta de DECISÃO DE EXECUÇÃO DO CONSELHO que altera a Decisão 2013/678/UE que autoriza a República Italiana a continuar a aplicar

Leia mais

Copyright Biostrument, S.A.

Copyright Biostrument, S.A. Produção primária Legislação Consolidada Data de actualização: 22/04/2008 Texto consolidado produzido pelo sistema CONSLEG do serviço das publicações oficiais das comunidades Europeias. Este documento

Leia mais

(Texto relevante para efeitos do EEE)

(Texto relevante para efeitos do EEE) 22.12.2015 L 334/5 REGULAMENTO DE EXECUÇÃO (UE) 2015/2426 DA COMISSÃO de 18 de dezembro de 2015 que altera o Regulamento (UE) 2015/1998 no que se refere aos países terceiros reconhecidos por aplicarem

Leia mais

HORÁRIOS DE NEGOCIAÇÃO - SEGMENTO BM&F. Contratos Futuros, de Opções e Operações Estruturadas Referenciados em Taxa de Juro em Reais

HORÁRIOS DE NEGOCIAÇÃO - SEGMENTO BM&F. Contratos Futuros, de Opções e Operações Estruturadas Referenciados em Taxa de Juro em Reais HORÁRIOS DE NEGOCIAÇÃO SEGMENTO BM&F s Futuros, Opções e Operações Estruturadas Referenciados em Taxa Juro em Reais Futuro DI1 FUT DI1 09:00 2 16:00 16:07 16:10 16:10 16:42 16:45 16:50 2 18:00 Futuro DI

Leia mais

UNIÃO EUROPEIA. Bruxelas, 25 de abril de 2014 (OR. en) 2012/0260 (COD) PE-CONS 65/14 DENLEG 63 AGRI 190 SAN 126 ENV 251 CODEC 735

UNIÃO EUROPEIA. Bruxelas, 25 de abril de 2014 (OR. en) 2012/0260 (COD) PE-CONS 65/14 DENLEG 63 AGRI 190 SAN 126 ENV 251 CODEC 735 UNIÃO EUROPEIA PARLAMENTO EUROPEU CONSELHO Bruxelas, 25 de abril de 2014 (OR. en) 2012/0260 (COD) PE-CONS 65/14 DENLEG 63 AGRI 190 SAN 126 ENV 251 CODEC 735 ATOS LEGISLATIVOS E OUTROS INSTRUMENTOS Assunto:

Leia mais

(Texto relevante para efeitos do EEE)

(Texto relevante para efeitos do EEE) L 67/22 REGULAMENTO (UE) 2016/355 DA COMISSÃO de 11 de março de 2016 que altera o anexo III do Regulamento (CE) n. o 853/2004 do Parlamento Europeu e do Conselho no que se refere aos requisitos específicos

Leia mais

, , , ,

, , , , 13. TRANSFERÊNCIAS (OUTROS CLIENTES) - FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Entrada em vigor: 01-julho-2016 13.1. Ordens de Transferência 1. Transferências Internas / Nacionais Emitidas 1.1. Entre Contas Bankinter

Leia mais

Jornal Oficial da União Europeia L 314/15

Jornal Oficial da União Europeia L 314/15 PT 14.11.2012 Jornal Oficial da União Europeia L 314/15 REGULAMENTO DE EXECUÇÃO (UE) N. o 1065/2012 DA COMISSÃO de 13 de novembro de 2012 relativo à autorização de preparações de Lactobacillus 23375, CNCM

Leia mais

Tendo em conta o Tratado sobre o Funcionamento da União Europeia,

Tendo em conta o Tratado sobre o Funcionamento da União Europeia, L 337/46 REGULAMENTO DELEGADO (UE) N. o 1255/2014 DA COMISSÃO de 17 de julho de 2014 que completa o Regulamento (UE) n. o 223/2014 do Parlamento Europeu e do Conselho relativo ao Fundo de Auxílio Europeu

Leia mais

Jornal Oficial da União Europeia L 2/3

Jornal Oficial da União Europeia L 2/3 PT 7.1.2014 Jornal Oficial da União Europeia L 2/3 REGULAMENTO (UE) N. o 5/2014 DA COMISSÃO de 6 de janeiro de 2014 que altera a Diretiva 2008/38/CE da Comissão que estabelece uma lista das utilizações

Leia mais

Uwe CORSEPIUS, Secretário-Geral do Conselho da União Europeia

Uwe CORSEPIUS, Secretário-Geral do Conselho da União Europeia CONSELHO DA UNIÃO EUROPEIA Bruxelas, 6 de novembro de 2013 (OR. en) 15390/13 ENV 978 MI 923 DELACT 62 NOTA DE ENVIO de: data de receção: 18 de outubro de 2013 para: n. doc. Com.: Assunto: Secretário-Geral

Leia mais

Em Portugal o Produto Interno Bruto percapita expresso em Paridades de Poder de Compra situou-se em 80 % da média da União Europeia em 2010.

Em Portugal o Produto Interno Bruto percapita expresso em Paridades de Poder de Compra situou-se em 80 % da média da União Europeia em 2010. Paridades de Poder de Compra 2010 13 de dezembro de 2011 Em Portugal o Produto Interno Bruto percapita expresso em Paridades de Poder de Compra situou-se em 80 % da média da União Europeia em 2010. O INE

Leia mais

1 Receber Arquivos. Opções Flexíveis sobre Taxa de Câmbio Nome do Arquivo 1.1 DPOSICAO Estratégia de Renda Fixa e Opções Flexíveis

1 Receber Arquivos. Opções Flexíveis sobre Taxa de Câmbio Nome do Arquivo 1.1 DPOSICAO Estratégia de Renda Fixa e Opções Flexíveis 1 Sumário 1 Receber Arquivos... 3 1.1 DPOSICAO Estratégia de Renda Fixa e Opções Flexíveis... 3 1.2 DPOSICAO (AAAAMMDDPO.TER)... 9 2 Enviar Arquivos...17 2.1 Registro da Operação de Renda Fixa - Box de

Leia mais

PROFESSIONAL CFD s Instrumentos Financeiros Spread Variável de Execução ao Mercado

PROFESSIONAL CFD s Instrumentos Financeiros Spread Variável de Execução ao Mercado PROFESSIONAL CFD s Instrumentos Financeiros Spread Variável de Execução ao Mercado Símbolo Instrumento Descrição Valor nominal de um lote Tamanho de um pip Variação minima da cotação (em pontos) Comissão

Leia mais

Amêndoa Coberta de Moncorvo

Amêndoa Coberta de Moncorvo Caderno de Especificações Amêndoa Coberta de Moncorvo IGP - Indicação Geográfica Protegida Índice 1. Nome do Produto... 1 2. Descrição do Produto... 1 2.1. Definição do Produto... 1 2.2. Matérias-primas...

Leia mais

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 1 de agosto de 2015

58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 1 de agosto de 2015 Jornal Oficial C 253 da União Europeia 58. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 1 de agosto de 2015 Índice IV Informações INFORMAÇÕES DAS INSTITUIÇÕES, ÓRGÃOS E ORGANISMOS DA UNIÃO

Leia mais

RESOLUÇÃO N 26, DE 02 DE JULHO DE 2015

RESOLUÇÃO N 26, DE 02 DE JULHO DE 2015 RESOLUÇÃO N 26, DE 02 DE JULHO DE 2015 Dispõe sobre os requisitos para rotulagem obrigatória dos principais alimentos que causam alergias alimentares. A Diretoria Colegiada da Agência Nacional de Vigilância

Leia mais

CRITÉRIOS PARA QUALIFICAÇÃO DE PRODUTOS TRADICIONAIS

CRITÉRIOS PARA QUALIFICAÇÃO DE PRODUTOS TRADICIONAIS CRITÉRIOS PARA QUALIFICAÇÃO DE PRODUTOS TRADICIONAIS 1. QUALIFICAÇÃO DE PRODUTOS TRADICIONAIS - Sistema de valorização de produtos, obtidos com regras particulares pelo menos em relação a história, utilização

Leia mais

Envia-se em anexo, à atenção das delegações, o documento D034098/02.

Envia-se em anexo, à atenção das delegações, o documento D034098/02. Conselho da União Europeia Bruxelas, 23 de julho de 2014 (OR. en) 12140/14 DENLEG 135 AGRI 512 SAN 296 NOTA DE ENVIO de: Comissão Europeia data de receção: 22 de julho de 2014 para: n. doc. Com.: D034098/02

Leia mais

REGULAMENTO DE EXECUÇÃO (UE) 2015/2222 DA COMISSÃO

REGULAMENTO DE EXECUÇÃO (UE) 2015/2222 DA COMISSÃO L 316/2 REGULAMENTOS REGULAMENTO DE EXECUÇÃO (UE) 2015/2222 DA COMISSÃO de 1 de dezembro de 2015 que altera o Regulamento de Execução (UE) n. o 908/2014 no que diz respeito às declarações de despesas,

Leia mais

DECISÃO DE EXECUÇÃO DA COMISSÃO. de

DECISÃO DE EXECUÇÃO DA COMISSÃO. de COMISSÃO EUROPEIA Bruxelas, 30.11.2015 C(2015) 8642 final DECISÃO DE EXECUÇÃO DA COMISSÃO de 30.11.2015 que aprova o programa operacional «Fundo Europeu dos Assuntos Marítimos e das Pescas Programa Operacional

Leia mais

(Atos não legislativos) REGULAMENTOS

(Atos não legislativos) REGULAMENTOS L 146/1 II (Atos não legislativos) REGULAMENTOS REGULAMENTO DE EXECUÇÃO (UE) 2016/879 DA COMISSÃO de 2 de junho de 2016 que estabelece, nos termos do Regulamento (UE) n. o 517/2014 do Parlamento Europeu

Leia mais

Em suma, todas as empresas do canal HORECA devem assegurar o seguinte:

Em suma, todas as empresas do canal HORECA devem assegurar o seguinte: Alergénios (Com aplicação nas Regiões Autónomas: Madeira e Açores) Regulamento n.º 1169/2011define novas regras sobre a informação ao consumidor. Esta nova legislação, que entrou em vigor a 13 de dezembro,

Leia mais

57. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 2 de outubro de 2014

57. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 2 de outubro de 2014 Jornal Oficial C 344 da União Europeia 57. o ano Edição em língua portuguesa Comunicações e Informações 2 de outubro de 2014 Índice II Comunicações COMUNICAÇÕES DAS INSTITUIÇÕES, ÓRGÃOS E ORGANISMOS DA

Leia mais

Em Portugal o Produto Interno Bruto per capita expresso em Paridades de Poder de Compra situou-se em 77,4 % da média da União Europeia em 2011

Em Portugal o Produto Interno Bruto per capita expresso em Paridades de Poder de Compra situou-se em 77,4 % da média da União Europeia em 2011 13 de dezembro de 2012 Paridades de Poder de Compra 2011 Em Portugal o Produto Interno Bruto per capita expresso em Paridades de Poder de Compra situou-se em 77,4 % da média da União Europeia em 2011 Em

Leia mais

Como gerar um cartão virtual no modo críptico. Moedas. Opções adicionais ao gerar um cartão virtual em modo críptico >VCN/NEW/EUR123.

Como gerar um cartão virtual no modo críptico. Moedas. Opções adicionais ao gerar um cartão virtual em modo críptico >VCN/NEW/EUR123. Como gerar um cartão virtual no modo críptico Moedas B2B Wallet Prepaid permite trabalhar com as seguintes moedas na Amadeus: EARN /Ganhe com MasterCard: USD, GBP, EUR, NOK, SEK, DKK, CAD, CHF, PLN, HUF,

Leia mais

Conselho da União Europeia Bruxelas, 24 de novembro de 2016 (OR. en)

Conselho da União Europeia Bruxelas, 24 de novembro de 2016 (OR. en) Conselho da União Europeia Bruxelas, 24 de novembro de 2016 (OR. en) Dossiê interinstitucional: 2016/0319 (NLE) 14148/16 AGRI 595 AGRIORG 95 ATOS LEGISLATIVOS E OUTROS INSTRUMENTOS Assunto: REGULAMENTO

Leia mais

Lista de ingredientes

Lista de ingredientes Lista de ingredientes Caro aluno, Preparamos este material exclusivamente para a divulgação gratuita. Ele contém a lista de ingredientes do curso Bolos práticos e vendáveis, com Silvia Branconaro. O material

Leia mais

Balcão. operador S/ 1,70 1,70 Grátis Grátis Grátis Grátis Qualquer montante Permanentes

Balcão. operador S/ 1,70 1,70 Grátis Grátis Grátis Grátis Qualquer montante Permanentes Entrada em vigor: 15fev2017 13.1. Ordens de transferência C/ operador S/ Operador 1. Transferências Internas / Nacionais Emitidas em euros 1.1 Para conta domiciliada na própria Instituição de Crédito com

Leia mais

Transmissão de uma indicação geográfica estabelecida de bebida espirituosa

Transmissão de uma indicação geográfica estabelecida de bebida espirituosa Transmissão de uma indicação geográfica estabelecida de bebida espirituosa Projeto - Última ação «guardar» em 18/02/2015 19:25 por null I. PROCESSO TÉCNICO 1.Nome e tipo a. Nome(s) a registar (pt) b. Categoria

Leia mais

TABELA DE TAXAS e COMISSÕES de 12 de Fevereiro de 2017

TABELA DE TAXAS e COMISSÕES de 12 de Fevereiro de 2017 TABELA DE TAXAS e COMISSÕES de 12 de Fevereiro de 2017 1. a) Tabela de Taxas e Comissões para CFDs Título Tipo de Conta BÁSICO, STANDARD, PROFiSSIONAL BÁSICO, STANDARD, PROFISSIONAL TAXA FIXA PROFISSIONAL

Leia mais

Em Portugal o PIB per capita expresso em Paridades de Poder de Compra foi 76% da média da União Europeia em 2007.

Em Portugal o PIB per capita expresso em Paridades de Poder de Compra foi 76% da média da União Europeia em 2007. 1111 DDEE DDEEZZEEMMBBRROO DDEE 22000088 Paridades de Poder de Compra 2007 Em Portugal o PIB per capita expresso em Paridades de Poder de Compra foi 76% da média da União Europeia em 2007. Com base em

Leia mais

Conselho da União Europeia Bruxelas, 15 de março de 2017 (OR. en)

Conselho da União Europeia Bruxelas, 15 de março de 2017 (OR. en) Conselho da União Europeia Bruxelas, 15 de março de 2017 (OR. en) 7316/17 ENV 259 MI 229 DELACT 50 NOTA DE ENVIO de: data de receção: 13 de março de 2017 para: n. doc. Com.: Assunto: Secretário-Geral da

Leia mais

TEXTOS APROVADOS. Introdução de medidas comerciais autónomas de emergência para a Tunísia ***I

TEXTOS APROVADOS. Introdução de medidas comerciais autónomas de emergência para a Tunísia ***I Parlamento Europeu 2014-2019 TEXTOS APROVADOS P8_TA(2016)0056 Introdução de medidas comerciais autónomas de emergência para a Tunísia ***I Alterações aprovadas pelo Parlamento Europeu, em 25 de fevereiro

Leia mais

Curso de rotulagem geral de alimentos embalados. - 4º módulo -

Curso de rotulagem geral de alimentos embalados. - 4º módulo - Curso de rotulagem geral de alimentos embalados - 4º módulo - Legislação Resolução RDC nº259/2002 Anvisa Resolução RDC nº277/2005 Anvisa Resolução RDC nº340/2002 Anvisa Resolução RDC nº344/2002 Anvisa

Leia mais

DECLARAÇÃO DOS INTERESSES FINANCEIROS DOS DEPUTADOS

DECLARAÇÃO DOS INTERESSES FINANCEIROS DOS DEPUTADOS DECLARAÇÃO DOS INTERESSES FINANCEIROS DOS DEPUTADOS NOS TERMOS DO ANEXO I DO REGIMENTO DO PARLAMENTO EUROPEU RELATIVO AO CÓDIGO DE CONDUTA DOS DEPUTADOS AO PARLAMENTO EUROPEU EM MATÉRIA DE INTERESSES FINANCEIROS

Leia mais

COMISSÃO DAS COMUNIDADES EUROPEIAS. Proposta de REGULAMENTO DO CONSELHO

COMISSÃO DAS COMUNIDADES EUROPEIAS. Proposta de REGULAMENTO DO CONSELHO COMISSÃO DAS COMUNIDADES EUROPEIAS Bruxelas, 28.5.2008 COM(2008) 336 final 2008/0108 (CNS) Proposta de REGULAMENTO DO CONSELHO que altera o Regulamento (CE) n. 1234/2007 que estabelece uma organização

Leia mais

Título de injunção europeu

Título de injunção europeu PATRÍCIA PINTO ALVES Título de injunção europeu VERBO jurídico VERBO jurídico Título de injunção europeu: 2 Título de injunção europeu PATRÍCIA PINTO ALVES Mestre em Direito pela Escola de Direito da Universidade

Leia mais

Jornal Oficial da União Europeia L 328/79

Jornal Oficial da União Europeia L 328/79 PT 7.12.2013 Jornal Oficial da União Europeia L 328/79 REGULAMENTO (UE) N. o 1274/2013 DA COMISSÃO de 6 de dezembro de 2013 que altera e retifica os anexos II e III do Regulamento (CE) n. o 1333/2008 do

Leia mais

Programa de Desenvolvimento Rural do Continente para

Programa de Desenvolvimento Rural do Continente para Programa de Desenvolvimento Rural do Continente para 2014-2020 Medida 5 ORGANIZAÇÃO DA PRODUÇÃO Ação 5.1 CRIAÇÃO DE AGRUPAMENTOS E ORGANIZAÇÕES DE PRODUTORES Enquadramento Regulamentar Artigo 27.º Criação

Leia mais

Participantes dos Mercados da BM&FBOVESPA Segmentos BOVESPA e BM&F

Participantes dos Mercados da BM&FBOVESPA Segmentos BOVESPA e BM&F 01 de julho de 2016 061/2016-DO C O M U N I C A D O E X T E R N O Participantes dos Mercados da BM&FBOVESPA Segmentos BOVESPA e BM&F Ref.: Registro da BM&FBOVESPA pela U.S. Commodity Futures Trading Commission

Leia mais

(Actos não legislativos) REGULAMENTOS

(Actos não legislativos) REGULAMENTOS 17.8.2010 Jornal Oficial da União Europeia L 216/1 II (Actos não legislativos) REGULAMENTOS REGULAMENTO (UE) N. o 737/2010 DA COMISSÃO de 10 de Agosto de 2010 que estabelece as normas de execução do Regulamento

Leia mais

L 93/12 Jornal Oficial da União Europeia

L 93/12 Jornal Oficial da União Europeia L 93/12 Jornal Oficial da União Europeia 31.3.2006 REGULAMENTO (CE) N. o 510/2006 DO CONSELHO de 20 de Março de 2006 relativo à protecção das indicações geográficas e denominações de origem dos produtos

Leia mais

O presente anúncio no sítio web do TED:

O presente anúncio no sítio web do TED: 1/6 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:310366-2015:text:pt:html Estados Unidos-Washington: Contrato(s)-quadro por lote relativo(s) ao apoio à entidade adjudicante

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO PARA CRIAÇÃO DE LOGÓTIPO DO CONSELHO MUNICIPAL DE JUVENTUDE DE VILA POUCA DE AGUIAR

REGULAMENTO DO CONCURSO PARA CRIAÇÃO DE LOGÓTIPO DO CONSELHO MUNICIPAL DE JUVENTUDE DE VILA POUCA DE AGUIAR REGULAMENTO DO CONCURSO PARA CRIAÇÃO DE LOGÓTIPO DO CONSELHO MUNICIPAL DE JUVENTUDE DE VILA POUCA DE AGUIAR 1 PROMOTOR O Conselho Municipal de Juventude do Município de Vila Pouca de Aguiar leva a efeito

Leia mais

L 84/14 Jornal Oficial da União Europeia

L 84/14 Jornal Oficial da União Europeia L 84/14 Jornal Oficial da União Europeia 20.3.2014 REGULAMENTO (UE) N. o 251/2014 DO PARLAMENTO EUROPEU E DO CONSELHO de 26 de fevereiro de 2014 relativo à definição, descrição, apresentação, rotulagem

Leia mais