Manual de Instalação 08 / Manual de Instalação Sistemas Knauf drywall

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Manual de Instalação 08 / 2014. Manual de Instalação Sistemas Knauf drywall"

Transcrição

1 Manual de Instalação 08 / 2014 Manual de Instalação Sistemas Knauf drywall

2 Sistemas Knauf drywall Montagem passo a passo Este manual apresenta, de forma simples e didática, todos os procedimentos para a correta instalação dos sistemas Drywall Knauf para paredes, tetos e revestimentos. Os resultados finais, em termos estéticos e funcionais, somente serão obtidos com o uso dos componentes indicados e aprovados pela Knauf, bem como com a rigorosa obediência aos procedimentos indicados e o uso correto das ferramentas adequadas. Visite o site Em caso de dúvida, entre em contato com a Knauf por meio do SAK - Serviço de Atendimento Knauf, pelo telefone , ou pelo Fale Conosco no site. Conteúdo Centros de Treinamento Knauf/Senai 3 Componentes dos sistemas Knauf Drywall 4 Acessorios Knauf 6 Parafusos Knauf 7 Massas Knauf 8 Fitas Knauf 9 Ferramentas 10 Transporte manuseio e armazenagem 11 Paredes Knauf 12 Teto Knauf D112 Unidirecional 17 Teto Knauf D112 Bidirecional 19 Teto Knauf Cleaneo Redondo, Quadrado, Aleatorio e Alternado 21 Teto Knauf Cleaneo - B4 e Slotline B6 23 Forros Removiveis Knauf 25 Teto Armado Knauf - TAK 26 Revestimento Knauf W Revestimento Knauf W Flexboard Knauf - Paredes e Tetos Curvos 32 Tampas de Inspeção - Knauf Premium 34 Tampas de Inspeção - Knauf Standard 35 Safeboard Knauf 36 Acabamentos 39 Fixação de Cargas 40 Manutenção 43 Melhores Práticas 44 Consumo de materiais (Paredes) 46 Consumo de materiais (Tetos) 48 Consumo de materiais (Produtos Especiais) 50 Consumo de materiais (Forros Removiveis) 51 Consumo de materiais (Revestimentos) 52 Desempenho dos Sistemas (Paredes) 54 Desempenho dos Sistemas (Revestimentos) 56 Desempenho dos Sistemas (Tetos) 57 2

3 BELÉM - PA SENAI - Centro da Amazônia Travessa Mauriti, Bairro do Marco - Belém - PA TEL.: (91) BELO HORIZONTE - MG SENAI - Paulo de Tarso Av. Presidente Jucelino Kubitschek, s/n Funcionários - Belo Horizonte - MG TEL.: (31) SÃO PAULO - SP SENAI - Orlando Laviero Ferraiuolo Rua Teixeira de Melo, 106 Tatuapé - São Paulo - SP TEL.: (11) / / TAGUATINGA - DF SENAI Área Especial nº 2, setor C Taguatinga Norte - DF TEL.: (61) Centros de Treinamento Senai - Knauf Para se aprofundar mais nas diversas técnicas Knauf ou se tornar um especialista em Construção a Seco - Knauf drywall, inscreva-se em um dos diversos cursos nos Centros de Treinamento - Knauf já implantados nas principais cidades brasileiras. CURITIBA - PR SENAI - CIETEP Rua João Viana Seiler, 116 Parolin - Curitiba - PR TEL.: (41) / GOIÂNIA - GO SENAI - Vila Canaã Av. Araguaia, 1544 Goiânia - Goiás - GO TEL.: (62) / FORTALEZA - CE SENAI - CETAE Rua Padre Ibiapina, Jacarecanga - Fortaleza - CE TEL.: (85) / INSTITUTO DA CONSTRUÇÃO SÃO GONÇALO - RJ Av. Presidente Kennedy, 341, 5º andar São Gonçalo - RJ TEL.: (21) GUARULHOS - SP SENAI - Hermenegildo Almeida Av. Papa Pio XII, 975 Macedo - Guarulhos - SP TEL: (11) MANAUS - AM SENAI - CIET Avenida Rodrigo Otávio, 510 Distrito Industrial - Manaus - AM TEL.: (92) / PORTO ALEGRE - RS SENAI Rua Jaime Vignoli, 693 Anchieta - Porto Alegre - RS TEL.: (51) / RIO DE JANEIRO - RJ SENAI Av. Rodrigues Alves, 835 Santo Cristo - Rio de Janeiro - RJ TEL.: SALVADOR - BA SENAI Dendezeiros Avenida Dendezeiros, 99 Bonfim - Salvador - BA TEL.: (71) / TAQUARA - RJ Apiacás, 94 Taquara - RJ TEL.: (21) DUQUE DE CAXIAS - RJ Rua Passos da Pátria, 120, Sobreloja Jardim 25 de Agosto - Duque de Caxias - RJ TEL.: (21) VILA MADALENA - SP Rua Mourato Coelho, 787 Vila Madalena - São Paulo - SP TEL.: (11) ITAQUERA - SP Av. Itaquera, 8223 Vila Carmosina - São Paulo - SP TEL.: (11) CAMPO LIMPO - SP Av. João Dias, 3297 Jardim Santo Antonio - São Paulo - SP TEL.: (11) VITÓRIA - ES Rua Pinto Aleixo, 35 Santa Helena, praça do Cauê - Vitória - ES TEL.: (27) SANTO AMARO - SP SENAI - Ary Torres Rua Amador Bueno, 501 Santo Amaro - São Paulo - SP TEL.: (11) / SANTOS -SP Centro Técnico Profissional Rua Júlio Conceição, Vila Mathias TEL.: (13) / FÁBICA KNAUF CAMAÇARI - BA Rua Nafta, 1281, Complexo Básico Polo Industrial de Camaçari, Camaçari, Bahia TEL.: (71)

4 Componentes dos Sistemas Drywall Chapas Knauf drywall Definição São chapas fabricadas industrialmente mediante um processo de laminação contínua de uma mistura de gesso, água e aditivos entre duas lâminas de cartão, em que uma é virada sobre as bordas longitudinais e colada sobre a outra. As chapas Knauf são produzidas de acordo com as seguintes normas ABNT: NBR 14715:2001 Tipos de Chapas Chapas Knauf ST, RU e RF Denominação Características Chapa Standard - ST Aplicação em áreas secas Espessura 9,50 12,50 15,00 Largura Comprimento 600 / a Chapas Knauf Cleaneo Acústico Definição As chapas Knauf Cleaneo foram desenvolvidas para utilização nos sistemas drywall para tetos acústicos. São fornecidas com furação redonda, com disposição em blocos ou aleatória. Recebem o tratamento Cleaneo que neutraliza odores. Chapa Resistente à Umidade - RU Chapa Resistente ao Fogo - RF Também conhecidas como chapas verdes, contêm elementos hidrofugantes e são indicadas para uso em áreas úmidas como banheiros, cozinhas e áreas de serviço Também conhecidas como chapas rosa, contêm retardantes de chama em sua fórmula, sendo indicadas para uso em áreas especiais (saídas de emergência, escadas enclausuradas, etc.) 12, a ,50 15, a OBS.: Demais medidas são produzidas somente sob consulta. Chapas Knauf Cleaneo Acústico Denominação Espessura Largura Comprimento Cleaneo Aleatório - Furos Redondos 12, Cleaneo Alternado - Furos Redondos (Sob encomenda) 12, Cleaneo Retilíneo - Furos quadrados 12, Cleaneo Retilíneo - Furos Redondos 12, Cleaneo B4 - Furos Quadrados 12, Cleaneo B6 - Bloco Ranhurado (Sob encomenda) 12, OBS.: Demais medidas são produzidas somente sob consulta.

5 Perfis Knauf Perfis metálicos Knauf Linha básica de perfis (perfis especiais sob consulta) Denominação Espessura Largura Comprimento Guia 48 0, Definição São perfis fabricados industrialmente mediante um processo de conformação contínua a frio, por sequência de rolos a partir de chapas de aço revestidas com zinco pelo processo contínuo de zincagem por imersão a quente e devem obedecer as seguintes especificações: Espessura mínima: 0,50 mm. Guia 70 0, Guia 90 0, Montante 48 0, Montante 70 0, Designação do revestimento zincado: Z 275g/m 2, conforme NBR 7008:2003 (massa mínima de revestimento de 275 g/m 2 - ensaio triplo - total nas duas faces). Os perfis de aço para sistemas em Knauf drywall obedecem a norma ABNT NBR Distância entre Montantes e Modulação. - Trabalhar com multiplos de As modulações mais comuns são as de 40 e 60 cm. Montante 90 0, Perfil para teto F47 0, /4.000 Corte do montante Perfil CD 60/27 0, Perfil-guia para teto U 30 x 20 0, Perfil Guia para Trilaje 30 x 30 e CD 60/27 0,50 30 x h d Cantoneira 23 x 23 (furada para cantos) 0,50 23 x Perfil L 25 x 30 0,50 25 x Perfil L 14 x 30 0,50 14 x Montante d h Nº furos 1 Chapa 2 Chapas 48 < 48 mm Tabica Perfurada 0, < 70 mm < 90 mm Tabica Lisa 0, OBS.: Demais medidas são produzidas somente sob consulta. 5

6 Acessórios Knauf Definição Os acessórios Knauf são confeccionados com a mesma proteção contra corrosão dos perfis. São especialmente desenvolvidos para utilização com os sistemas Knauf, o que lhes proporciona alta performance. Linha básica de acessórios para perfis Denominação Utilização CD 60/27 Suporte nivelador para CD 60/27 Peça que liga o tirante ao perfil. Possui mola que regula a altura do entreforro Conector de perfil CD 60/27 Peça que conecta perfis CD 60/27 utilizada para emendá-los Gabarito Cleaneo Suporte de conexão rápida CD 60/27 Peça utilizada para fixar os perfis principais aos secundários Nivelador para F47 Peça que liga o tirante ao perfil. Possui mola que regula a altura do entreforro Acessório para alinhamento das chapas Cleaneo com borda SK. Suporte de Carga Conector de perfil F47 Peça utilizada para emendar perfis F47 Tirante para suporte nivelador F47=3,4 mm CD 60/27= 3,4 mm Peça metálica que liga a estrutura do forro à estrutura da edificação com a função de sustentação. O tirante deverá ser adquirido de acordo com o suporte nivelador Suporte metálico para fixação de cargas elevadas. Prolongador de tirante para CD 60/27 Peça que liga as barras de tirante com a função de prolongar o entreforro Elemento multifunção Peça que prende o perfil secundário ao perfil primário em tetos bidirecionais, utilizando perfis F47. Também é utilizada em revestimentos Suporte de conexão F47 Peça que prende o perfil secundário ao perfil primário em tetos bidirecionais, utilizando perfil F47 Os acessórios Knauf são produzidos de acordo com a norma ABNT NBR :2009 Elemento de ancoragem Peça utilizada no sistema de revestimento estruturado W623 para ligação dos perfis CD 60/27 ao substrato a ser revestido. 6

7 Parafusos Knauf A cabeça do parafuso define o tipo de material a ser fixado. Lentilha ou panela Ponta agulha Para fixação de perfis metálicos entre si (metal/ metal). A ponta do parafuso define a espessura do perfil Perfil metálico com espessura máxima de 0,70 mm. Trombeta Ponta broca Para fixação de chapas de drywall sobre perfis metálicos. Perfil metálico com espessura de 0,70 mm até 2,00 mm. Especificação dos parafusos Resistência à corrosão: os parafusos a serem utilizados para fixação dos componentes dos sistemas drywall devem possuir resistência à corrosão vermelha mínima de 48 horas na câmara salt-spray em teste de laboratório. O comprimento dos parafusos que fixam as chapas de drywall nos perfis metálicos (chapa de drywall/metal) é definido pela quantidade e espessura de chapas de drywall a serem fixadas: o parafuso deve fixar todas as camadas e ultrapassar o perfil metálico em pelo menos 10 mm. O comprimento dos parafusos que fixam os perfis metálicos entre si (metal/metal) deve ultrapassar o último elemento metálico, no mínimo em três passos de rosca. Tipo Desenho Código Cabeça trombeta e ponta agulha Tipos de parafusos Comprimento nominal TA25 25 TA35 35 TA45 TA50 TA55 TA65 TA Perfil metálico Espessura máxima de 0,70 mm Utilização Chapas de drywall 1 chapa com espessura de 12,50 mm ou 15,00 mm em perfis metálicos 2 chapas com espessura de 12,50 mm em perfis metálicos 2 chapas com espessura de 15,00 mm em perfis metálicos 3 chapas com espessura de 12,50 ou 15,00 mm em perfis metálicos Parafuso metal/metal: o comprimento deve ultrapassar o último elemento metálico, no mínimo em três passos de rosca. Parafuso chapa de drywall/metal: o comprimento deve ultrapassar o perfil em no mínimo 10 mm. Profundidade do parafuso É importante o correto posicionamento da profundidade do parafuso, não devendo entrar ou ficar para fora da chapa de drywall. Cabeça trombeta e ponta broca TB25 25 TB35 35 TB45 TB Espessura máxima de 0,70 mm até 2,00 mm 1 chapa com espessura de 12,50 mm ou 15,00 mm em perfis metálicos 2 chapas com espessura de 12,50 mm em perfis metálicos 2 chapas com espessura de 15,00 mm em perfis metálicos Sim Não Não TB55 TB65 TB chapas com espessura de 12,50 ou 15,00 mm em perfis metálicos LA 4,2 X 13 mm Espessura máxima de 0,70 mm Fixação de perfis metálicos entre si Cabeça lentilha ou panela e ponta agulha PA 3,50 X 9,00 mm Espessura máxima de 0,70 mm Fixação de perfis metálicos entre si Cabeça lentilha ou panela e ponta broca LB PB 4,2 X 13 mm 3,50 X 9,00 mm Espessura máxima de 0,70 mm até 2,00 mm Espessura máxima de 0,70 mm até 2,00 mm Fixação de perfis metálicos entre si Fixação de perfis metálicos entre si Os parafusos Knauf obedecem a norma ABNT NBR :2009 7

8 Massas Knauf Tipos de massas Massas para juntas Knauf Fastfix-BR As massas para juntas são produtos específicos para o tratamento das juntas entre chapas de drywall, tratamento de encontros entre as chapas e o suporte (alvenarias ou estruturas de concreto), além do tratamento das cabeças dos parafusos. As massas devem ser utilizadas juntamente com fitas de papel apropriadas para juntas. Denominação Aplicação Preparo Fastfix-BR (Massa com secagem mais rápida) Massa em pó, para utilização em tratamento de juntas em chapas de drywall. Aplicação manual e com uso de fita para juntas. Pode também ser utilizada para preenchimento de irregularidades nas chapas, arremate sobre parafusos e acabamento com cantoneiras de reforço. Adidionar Fasfix-BR em um balde limpo com água limpa na proporção de aproximadamente 2 kg de pó para 1 litro de água. Deixar que a massa absorva a água e misturar em seguida mecanicamente até obter uma consistência homogênea e pastosa. Não usar massas endurecidas e não misturar com restos de massas, sujeiras ou produtos alheios. Usar sempre ferramentas e recipientes limpos. Massas para colagem Knauf Perlfix-BR As massas para colagem são produtos específicos para a fixação das chapas de drywall diretamente sobre os suportes verticais (alvenarias ou estruturas de concreto) e para pequenos reparos nas chapas. Readyfix-BR (Massa pronta) Massa pronta para tratamento de juntas em chapas de drywall e também para acabamento superficial e fino sobre chapas de drywall. Misturar mecanicamente ou manualmente antes do uso, apenas para homogeneizar o material. Não utilizar gesso ou massa corrida para o tratamento de juntas. Tempo de utilização da massa Perlfix = endurecimento por secagem. Aplicar a massa até 30 minutos. Após o preparo, o tempo de secagem pode variar conforme a umidade do ar. Perlfix-BR Massa em pó à base de gesso para preenchimento ou colagem de chapa de drywall sobre superfícies rígidas, devidamente secas, limpas e preparadas. Também pode ser utilizada para fixação de painéis de lã mineral, chapas de isopor ou poliuretano. Não indicada para acabamento final. Adicionar Perlfix-BR em um balde com água limpa na proporção de aproximadamente 2 kg de pó para 1 litro de água, pulverizando-a. Misturar em seguida mecanicamente até obter uma consistência homogênea e pastosa. Não usar massas endurecidas e não misturar com restos de massas, sujeiras ou produtos alheios. Usar sempre ferramentas e recipientes limpos. Tempo de utilização da massa Fastfix = aproximadamente uma hora, após seu preparo. Secagem ao toque de aproximadamente duas horas (pode variar em função da relação pó: água utilizada e umidade relativa do ar). Revestimento direto com massa Perlfix-BR Tratamento de juntas com massa Readyfix-BR ou Fastfix-BR As massas Knauf estão de acordo com a norma ABNT NBR :2009 8

9 Fitas Knauf Tipos de fitas Denominação Largura Comprimento (m) Utilização Fita de papel microperfurado para juntas Tratamento de juntas em paredes, tetos e revestimentos Definição As fitas são elementos essenciais no tratamento de juntas, proporcionando, em conjunto com a massa indicada para este fim, a resistência e a elasticidade necessárias para que o acabamento se mantenha estável, sem fissuras ou trincas. Fita para isolamento (Banda acústica) Isolamento entre o perímetro e a estrutura Não utilizar fita telada para o tratamento de juntas. Fita para cantos (Papel microperfurado com reforço nos cantos) Proteger e reforçar os cantos vivos de parede e colunas contra impactos leves O uso da fita de isolamento aumenta em até 4dB(A) o desempenho acústico da parede. A fita para cantos é utilizada para acabamentos finos. Fita de isolamento Obs.: Não deve ser utilizado gesso comum ou fita telada Fita de isolamento Parede Knauf Fita de isolamento As fitas Knauf são produzidas conforme a norma ABNT NBR :2009 9

10 Ferramentas Estilete Puncionador Lixadeira manual Grosa perfurante Espátulas para acabamento Serrote de ponta Linha de nylon Desempenadeira Misturador de massas Prumo de face Espátula com ponta phillips Espátula misturadora Raspador Parafusadeira Mangueira de nível Serra-copo Linha de marcação Nível de bolha Tesoura para chapas Bandeja de inox Trena 10

11 Recomendações gerais Transporte, manuseio e armazenagem Todos os componentes dos sistemas devem ser estocados em local seco e abrigado. Chapas de drywall No recebimento do produto, verificar a sua integridade, antes de iniciar a descarga. No transporte das chapas de drywall, os pallets deverão ter cantoneiras de proteção nos pontos em contato com cordas e fitas de amarração utilizadas para a descarga e movimentação do produto. Empilhar no máximo 6 pallets. As chapas devem ser empilhadas sobre apoios de no mínimo 10 cm de largura, espaçados a aproximadamente 40 cm. O comprimento dos apoios deve ser igual à largura das chapas. Manter o alinhamento dos apoios ao empilhar vários pallets. Não empilhar chapas curtas em conjunto com chapas longas ou fora de alinhamento. Verificar a resistência da laje e a capacidade da empilhadeira em função do peso das chapas. A fita lateral deve ser preferencialmente retirada somente no momento da aplicação das chapas. As chapas podem ser transportadas manualmente ou por empilhadeiras. No caso do transporte manual, as chapas devem ser levadas na posição vertical. Para chapas muito pesadas, o transporte manual poderá ser realizado por duas pessoas. Nos locais potencialmente sujeitos a umidade, as chapas deverão ser protegidas com uma lona plástica. Empilhamento máximo de três pallets. Perfis metálicos Os perfis devem ser armazenados em local limpo e plano, protegido do sol, da chuva e da umidade. Se necessário, devem ser protegidos da umidade com uma manta plástica. Os pallets poderão ser empilhados no armazenamento uns sobre os outros, até o limite máximo de cinco pallets, desde que separados entre si por no mínimo três calços (pontaletes de madeira), um no meio e os outros dois a aproximadamente 20 cm de cada extremidade, mantendo-se o alinhamento dos calços. Os perfis devem ser mantidos preferencialmente amarrados e alinhados. Evitar balanços ou distorções que possam causar amassamento ou torções nos perfis. Perfis menores sempre devem ser apoiados sobre perfis maiores. O transporte dos perfis metálicos pode ser feito tanto manualmente (sempre com luvas de proteção) como com o auxílio de uma empilhadeira. Massas Massas em pó Estocar os sacos em local seco, afastados do piso, preferencialmente sobre estrados e em pilhas de no máximo 20 sacos para assegurar a estabilidade da pilha. Massas prontas Estocar os baldes em local seco e em pilhas de no máximo três baldes. 11

12 Paredes Knauf 1 - Locação da parede A montagem de paredes com os sistemas Knauf drywall exige especial atenção aos detalhes de instalação apresentados neste passo-a-passo. Todos os procedimentos indicados são essenciais para o bom desempenho mecânico e acústico das paredes, bem como para a sua precisão geométrica e seu acabamento. Sempre utilizar luvas de proteção para o corte dos perfis. Utilizar trena, prumo ou laser para a correta localização das guias e dos pontos de referência dos vãos de portas, que devem ser devidamente pré-definidos no projeto. Utilizar fixação (finca-pino, bucha, parafuso, cola) apropriada para cada tipo de substrato (concreto, alvenaria, metal). 2 e 3 - Marcação da posição das guias Utilizar um cordão ou fio traçante para marcação da posição das guias. 4 - Corte das guias 5 - Colocação da fita para isolamento nas guias Montante 300 mm 300 mm Guia Utilizar a tesoura para corte de perfis metálicos. 6 - Fixação das guias no piso A fita de isolamento é imprescindível para assegurar um melhor desempenho acústico das paredes. Sempre utilizar fitas com largura compatível com os perfis. 7 - Colocação dos montantes perimetrais Máx. 600 mm 12 A fixação deverá ser feita no máximo a cada 600 mm sendo que nas aberturas de vãos de portas deve ser feita uma em cada extremidade. Executar as emendas das guias sempre de topo, nunca sobrepô-las. Preferencialmente, o piso deve estar nivelado e acabado. Observar as mesmas recomendações para fixação das guias, tais como: espaçamento entre fixações, colocação da fita de isolamento, etc.

13 Paredes Knauf 8 - Fixação das guias na laje superior 9 - Colocação dos montantes nas guias Detalhes Montantes duplos Em forma de caixão (formando um tubo) Em forma de H (um contra o outro) Montante 1 Montante 2 Observar o correto alinhamento da guia superior (laje) com a guia inferior (piso). Encaixe o montante com a menor dimensão (aba) dentro das guias e gire-o 90º. Junto à extremidade da abertura, a guia deve estar firmemente fixada. O comprimento do montante deve ter aproximadamente a altura do pé direito com 10 mm a menos. O espaçamento entre os eixos dos montantes deve ser de 400 ou 600 mm. Caso haja necessidade de emendar os montantes, sobrepôlos pelo menos 300 mm ou utilizar um pedaço de guia de no mínimo 600 mm. Nunca coincidir as emendas em uma mesma linha; elas devem ser sempre defasadas. Caso seja necessária a utilização de montantes duplos, estes podem ser em forma de caixão (formando um tubo) ou em H (um contra o outro). Detalhe de montagem da estrutura Guia Montante B 10 e 11 - Fixação dos montantes nas guias junto ao piso e à laje superior Guia A Montante Detalhe A - fixação dos montantes da porta 1 Montante 2 3 Montante duplo As guias terminais ou de aberturas, tais como portas, devem ter um comprimento de aproximadamente 200 mm a mais do que a abertura. Este comprimento adicional deve ser dobrado, remontando sobre o montante e fixado neste com auxílio de um puncionador. Bucha Guia Parafusar, rebitar ou gramear 12 - Preparação da abertura de porta 13 - Colocação de perfil auxiliar para abertura de portas Detalhe B - estrutura de armação da porta com guia Montante duplo Guia Montante duplo Parafusar Guia Guia Montante duplo Guia Parafusar 15 cm Na parte superior da porta (bandeira), deve ser colocada uma guia com aproximadamente 200 mm a mais de cada lado, que será dobrada, remontada e fixada sobre os montantes laterais. Nas aberturas de portas, deve ser feito um reforço, utilizando-se montantes duplos ou madeira. Seguir a modulação dos montantes na parte superior (bandeira) da abertura das portas. 13

14 Paredes Knauf 14 - Fixação das chapas Knauf na estrutura 15 - Colocação das instalações elétricas e hidráulicas A cabeça do parafuso deve ficar nivelada com a face do cartão. Tubulações de gás não devem ser instaladas no interior das paredes de drywall. Para melhor desempenho térmico e acústico das paredes, utilizar lã mineral. Testar as instalações, inclusive a estanqueidade hidráulica, antes do fechamento da parede. Manter as juntas desencontradas em relação às da outra face, e no caso de chapas duplas, as juntas da segunda camada devem ser defasadas da primeira. As chapas Knauf devem ser instaladas verticalmente, com altura do pé direito menos 10 mm, que deve ser deixado como folga no piso. As chapas serão fixadas na estrutura por meio de parafusos especialmente desenvolvidos para esse fim. Os parafusos devem estar distanciados 250 mm entre si e a 10 mm da borda. Caso haja duas camadas de chapas de drywall Knauf, a primeira deve ser fixada com parafusos tipo TA 25, a cada 500 mm, e a segunda, com parafusos tipo TA 35 a cada 250 mm. Caso o comprimento da chapa não coincida com a altura do pé direito, as emendas necessárias devem ser desencontradas (contrafiadas).para facilitar a colocação dos parafusos, as chapas são identificadas com a letra K a cada 250 mm, para modulação de 600 mm, e com marcações em forma de ponto a cada 250 mm, para modulação de 400 mm. Após ser efetuado o chapeamento de um dos lados da parede, podem ser realizadas as instalações elétricas, hidráulicas, de telefonia e som Marcação das chapas de drywall As juntas horizontais devem ser desencontradas Instalação de lã mineral Sim Não Não Marcar com lápis de carpinteiro, na frente da chapa, a dimensão exata em que a chapa deve ser cortada Dobra da chapa de drywall As lãs minerais (lã de vidro ou lã de rocha) devem ser colocadas no interior das paredes sempre com o uso de luvas e máscara. Caso a espessura da lã seja menor do que a espessura dos perfis, devem ser utilizados ganchos ou massa para sua fixação Corte da chapa de drywall Apoiar a chapa em uma superfície plana e com leve torção no sentido contrário ao do corte, quebrar a chapa Finalização do corte da chapa Depois de marcada, com o auxílio de uma régua ou de um perfil, passar o estilete pressionando firmemente para que sejam cortados o cartão e parte da superfície do drywall. Virar a chapa no sentido contrário ao do corte e, com o auxílio do estilete, cortar o cartão do verso da chapa. 14

15 Paredes Knauf 21 - Ajuste da chapa 22 e 23 - Fechamento da parede Detalhes técnicos As juntas de cada face da parede não devem coincidir com a outra face. Detalhe - Encontro com parede Fita de isolamento Parafuso autoperfurante TA 3,5 x 25 mm Chapa Knauf Guia Parafuso com bucha ou finacapino Isolamento com lã mineral (opcional) Montante Massa para tratamento de juntas com fita de papel microperfurado Caso seja necessário, ajustar as possíveis imperfeições do corte com o auxílio de um raspador. Detalhe - Encontro de parede em T 24 - Corte da chapa no vão de porta Guia Parafuso autoperfurante TA 3,5 x 25 mm Chapa Knauf Montante Massa para tratamento de juntas com fita de papel microperfurado Fita para juntas Nas aberturas de vãos de portas, as chapas devem ultrapassar a abertura e depois cortadas, formando assim um desalinhamento da junta em relação à abertura. Após todas as instalações efetuadas, fechar a parede com os mesmos cuidados indicados no passo 14. As juntas verticais entre as chapas devem ser feitas sempre sobre os montantes. Em caso de juntas horizontais, estas devem ser desencontradas. As juntas de uma face da parede sempre devem ser desencontradas em relação à outra face. No caso de paredes com chapas duplas, as juntas da segunda camada devem ser defasadas da primeira. Isolamento com lã mineral (opcional) Detalhe - Encontro de parede em L Cantoneira perfurada ou fita para cantos Guia Chapa Knauf Parafuso autoperfurante TA 3,5 x 25 mm Montante Massa para tratamento de juntas com fita de papel microperfurado Parafuso autoperfurante TA 3,5 x 25 mm Isolamento com lã mineral (opcional) Cantoneira ou fita para cantos 15

16 Paredes Knauf 25, 26 e 27 - Instalação de caixa de luz Nunca utilizar gesso comum e água para tratamento de juntas. Cortar a fita na altura do pé direito. Aguardar a secagem completa da massa, para evitar imperfeições nas juntas tais como bolhas de ar, vazios e enrugamentos. Com auxílio de uma serra-copo, furar a chapa de drywall no local em que será instalada a caixa de luz. Ajustar o furo com um serrote de ponta para o formato exato da caixa de luz e instalá-la. Nas juntas de topo, após o recobrimento da fita com massa, aplicar mais uma demão com cerca de 300 mm de cada lado da fita Tratamento de juntas 29 - Colocação da fita Aplicar com uma desempenadeira uma primeira camada de massa Knauf Readyfix ou Fastfix ao longo da junta. Colocar a fita de papel microperfurado sobre o eixo da junta. Com o auxílio de uma espátula, pressionar firmemente a fita sobre a primeira camada de massa Finalização do tratamento de juntas 31 - Vista parcial da parede com abertura de porta Aplicar as demais camadas de massa com o auxílio de uma desempenadeira, deixando um acabamento uniforme. Caixa de luz Caixa de luz Isolamento com lã mineral (opcional) Mínimo 100 mm Obs.: Instalação ideal para evitar perda de atenuação sonora. 16

17 Teto Knauf D112 Unidirecional Teto Knauf D112 Unidirecional 1 - Locação das guias de teto nas paredes 2 - Marcação da posição das guias de teto Corte vertical - Teto D112 Unidirecional - encontro com parede drywall Parafuso com bucha ou fincapino Com o auxílio de um cordão ou fio traçante, marcar a posição exata onde será fixada a guia de teto ou cantoneira L. Fita de isolamento Guia para teto Suporte nivelador tirante Perfil F-47 Guia para teto Marcar na estrutura periférica (paredes), com o auxílio de uma mangueira ou um nível laser, o local em que será instalado o teto. 4 - Locação dos perfis F-47 Fita para juntas Parede Knauf W111 Chapa Knauf Parafuso autoperfurante 3 - Fixação das guias na parede Corte horizontal - Teto D112 Unidirecional - encontro com parede de alvenaria Máx. 10 cm Guia para teto Suporte nivelador com tirante Perfil F-47 Com o auxílio de uma trena, marcar a posição do eixo dos perfis F-47. Chapas Knauf Fixar as guias na parede com espaçamento máximo de 600 mm. 5 - Marcação da posição dos perfis F Colocação dos suportes niveladores Detalhe de tabica Alvenaria Parafuso com bucha Tabica metálica Parafuso TA 3,5 x 25 mm Perfil F-47 Chapa Knauf ST 12,5 mm Detalhe de junta de dilatação Com o auxílio de um cordão ou fio traçante, marcar a posição do eixo dos perfis F-47. Após a fixação dos tirantes na laje, com espaçamento de mm, colocar nestes os suportes niveladores. Parafuso com bucha ou fincapino Tirante Suporte Nivelador Chapa drywall Knauf Em banheiros, terraços, varandas recomendamos o uso de chapa RU em virtude da maior umidade. A instalação de chapas RU no teto deverão seguir a seguinte regra: Modulação a cada 400 mm. Chapas fixadas no sentido transversal aos perfis. Parafuso TA 25 Junta de dilatação Massa Perlfix Parafuso TA 25 Cantoneira para acabamento 20 mm 17

18 Teto Knauf D112 Unidirecional 7 - Colocação dos perfis F Fixação das chapas Knauf Antes da colocação dos perfis F-47, fazer um pré-alinhamento do suporte nivelador. Observar a modulação antes de fixar as chapas, pois chapas fixadas na longitudinal necessitam de modulação menor (400 mm). Importante: nunca inverter a posição das chapas colocando juntas de topo com juntas de borda. Encaixar os perfis F-47 no suporte nivelador de maneira que fique firme. Ajustar o nível dos perfis na altura correta do rebaixo do teto. As chapas Knauf são fixadas na estrutura por meio de parafusos especialmente desenvolvidos para esse fim. Os parafusos devem estar distanciados a 200 mm entre si e a 10 mm da borda. Utilizar fixação (finca-pino, bucha, parafuso, cola) apropriada para cada tipo de substrato (concreto, alvenaria, metal). 9 - Tratamento de juntas 10 - Colocação da fita para tratamento de juntas A distância máxima entre eixos dos perfis F-47 deve ser de 600 mm Utilizar o tirante no comprimento aproximado do rebaixamento do teto. Aplicar uma primeira camada de massa Knauf Readyfix ou Fastfix ao longo das juntas entre as chapas de drywall. Colocar a fita de papel microperfurado sobre o eixo da junta. Com o auxílio de uma espátula, pressionar firmemente a fita sobre a primeira camada de massa Finalização do tratamento de juntas Aplicar as demais camadas de massa com o auxílio de uma desempenadeira, deixando um acabamento uniforme. Tirante 1000 mm Suporte nivelador para perfil F-47 1 chapa Knauf ST 12,5 mm Perfil F mm máx. 100 mm 600 mm Conector de perfil F-47 18

19 Teto Knauf D112 Bidirecional Teto Knauf D112 Bidirecional 1 - Locação das guias de teto nas paredes 2 - Marcação da posição das guias de teto Corte vertical - Teto D112 Bidirecional - encontro com parede drywall Marcar na estrutura periférica (paredes), com o auxílio de uma mangueira ou um nível laser, o local em que será instalado o teto. Com o auxílio de um cordão ou fio traçante, marcar a posição exata onde será fixada a guia de teto ou cantoneira L. 4 - Locação dos perfis F-47 Fita de isolamento Parafuso autoperfurante Fita para juntas Parede Knauf Guia para teto 30 x 20 Parafuso com bucha ou fincapino Suporte nivelador com tirante Elemento multifunção Perfil principal Perfil secundário Parafuso autoperfurante 3 - Fixação das guias na parede Corte horizontal - Teto D112 Bidirecional - encontro com parede de alvenaria Máx. 10 cm Suporte nivelador com tirante Perfil principal Com o auxílio de uma trena, marcar a posição do eixo dos perfis F-47. Fixar as guias na parede com espaçamento máximo de 600 mm. 6 - Colocação dos suportes niveladores Fita para juntas Perfil secundário Elemento multifunção Parafuso autoperfurante 5 - Marcação da posição dos perfis F-47 Corte vertical - Tabica Alvenaria Parafuso com bucha Tabica metálica Parafuso TA 3,5 x 25 mm Perfil F-47 Chapa Knauf ST 12,5 mm Com o auxílio de um cordão ou fio traçante, marcar a posição do eixo dos perfis F-47. Após a fixação dos tirantes na laje, com espaçamento de mm, colocar nestes os suportes niveladores. Corte vertical - Detalhe perfil L Alvenaria Parafuso com bucha Perfil L Perfil F-47 Parafuso TA 3,5 x 25 mm Chapa Knauf ST 12,5 mm 19

20 Teto Knauf D112 Bidirecional 7 - Colocação dos perfis principais (F-47) 8 - Colocação dos perfis secundários Este teto normalmente é utilizado para grandes vãos, em ambientes como hall, lobby, etc. Utilizar fixação (finca-pino, bucha, parafuso, cola) apropriada para cada tipo de substrato (concreto, alvenaria, metal). Utilizar o tirante no comprimento aproximado do rebaixamento do teto. Estes perfis devem ser instalados com distância entre eixos de mm. 9 - Fixação das chapas Knauf Transversalmente aos perfis principais, colocar os perfis secundários, com auxílio de um elemento multifunção. A distância entre eixos desses perfis deve ser de 600 mm Tratamento de juntas Nunca se deve andar sobre os tetos. As chapas Knauf são fixadas na estrutura por meio de parafusos especialmente desenvolvidos para esse fim. Os parafusos devem estar distanciados a 200 mm entre si e a 10 mm da borda. Aplicar uma primeira camada de massa Knauf Readyfix ou Fastfix ao longo das juntas entre as chapas de drywall Colocação da fita para tratamento de juntas 12 - Finalização do tratamento de juntas Colocar a fita de papel microperfurado sobre o eixo da junta. Com o auxílio de uma espátula pressionar firmemente a fita sobre a primeira camada de massa. Aplicar as demais camadas de massa com o auxílio de uma desempenadeira, deixando um acabamento uniforme. Distância entre fixações/buchas = Suporte de conexão ou elemento multifunção Perfil F-47 primário Tirante Perfil F-47 secundário Suporte nivelador para perfil F-47 Chapa Knauf ST Conector de perfil F-47 Distância entre os perfis principais = Distância entre os perfis secundários = 600 Obs.: Cotas em 20

Knauf. Construindo o futuro. 10 / 2015. Manual de Instalação. Manual de Instalação. Sistemas Knauf drywall

Knauf. Construindo o futuro. 10 / 2015. Manual de Instalação. Manual de Instalação. Sistemas Knauf drywall Knauf. Construindo o futuro. Manual de Instalação 10 / 2015 Manual de Instalação Sistemas Knauf drywall Sistemas Knauf drywall Montagem passo a passo Este manual apresenta, de forma simples e didática,

Leia mais

Manual de Instalação Sistemas Knauf drywall

Manual de Instalação Sistemas Knauf drywall Manual de Instalação Sistemas Knauf drywall Manual de Instalação 11 / 2012 Sistemas Knauf drywall Montagem passo a passo Este manual apresenta, de forma simples e didática, todos os procedimentos para

Leia mais

Manual de Instalação Sistemas Knauf drywall

Manual de Instalação Sistemas Knauf drywall Manual de Instalação Sistemas Knauf drywall Manual de Instalação 07/2011 Sistemas Knauf drywall Montagem passo a passo Este manual apresenta, de forma simples e didática, todos os procedimentos para a

Leia mais

Conteúdo. Sistemas Drywall Knauf Montagem passo a passo

Conteúdo. Sistemas Drywall Knauf Montagem passo a passo Sistemas Drywall Knauf Montagem passo a passo Este manual apresenta, de forma simples e didática, todos os procedimentos para a correta instalação dos sistemas Drywall Knauf para paredes, tetos e revestimentos.

Leia mais

Sistema de Paredes Trevo Drywall

Sistema de Paredes Trevo Drywall Nome da Empresa DADOS DO FABRICANTE Trevo Industrial de Acartonados S/A. Endereço Av.Josias Inojosa de Oliveira 5000 - Distrito Industrial do Cariri Juazeiro do Norte - CE - CEP 63045-010 Tel/Fax (88)

Leia mais

ANEXO 01. Figura 1 - Planta da área a ser trabalhada. DW indica os locais a serem trabalhados com drywall.

ANEXO 01. Figura 1 - Planta da área a ser trabalhada. DW indica os locais a serem trabalhados com drywall. ANEXO 01 Sala MEV DW DW B B Figura 1 - Planta da área a ser trabalhada. DW indica os locais a serem trabalhados com drywall. 1 Figura 2 Detalhes das portas em drywall. A porta P11, destinada a acesso à

Leia mais

Sistema de Forros Trevo Drywall

Sistema de Forros Trevo Drywall Nome da Empresa Endereço Tel/Fax (88) 3571-6019 Site E-mail DADOS DO FABRICANTE Trevo Industrial de Acartonados S/A. Av.Josias Inojosa de Oliveira 5000 - Distrito Industrial do Cariri Juazeiro do Norte

Leia mais

Knauf Folheto Técnico 06/2011

Knauf Folheto Técnico 06/2011 Knauf Folheto Técnico 06/2011 Tetos e Forros Removíveis Knauf Soluções à altura de sua criatividade Acabamento impecável, facilidade de uso e rapidez de instalação que elevam a qualidade e o conforto dos

Leia mais

Knauf Folheto Técnico. Knauf Flexboard Porque a mente criativa gera mais que linhas retas.

Knauf Folheto Técnico. Knauf Flexboard Porque a mente criativa gera mais que linhas retas. Knauf Folheto Técnico 01 / 2015 Knauf Flexboard Porque a mente criativa gera mais que linhas retas. Knauf Flexboard Flexboard é a mais delgada chapa Knauf Drywall, desenvolvida especialmente para permitir

Leia mais

01 / 2014. Knauf Folheto Técnico

01 / 2014. Knauf Folheto Técnico Knauf Folheto Técnico 01 / 2014 Knauf Cleaneo Acústico Bem-estar em três dimensões Absorção sonora, neutralização de odores e estética diferenciada: com as chapas Cleaneo o conforto é triplo. Sem Cleaneo

Leia mais

Crescendo com Você. Montagem de Sistemas

Crescendo com Você. Montagem de Sistemas Crescendo com Você Montagem de Sistemas Estocagem Armazene as chapas em local seco e abrigado. Transporte as chapas de duas em duas. Transporte as chapas na posição vertical. Os calços devem ter 5 cm de

Leia mais

Conceito AULA 4. Escola Politécnica Universidade Federal da Bahia Tecnologia da Construção Civil

Conceito AULA 4. Escola Politécnica Universidade Federal da Bahia Tecnologia da Construção Civil Escola Politécnica Universidade Federal da Bahia Tecnologia da Construção Civil AULA 4 Gesso Acartonado Prof. Dr. Luiz Sergio Franco Escola Politécnica da USP Dep. de Engenharia de Construção Civil Construção

Leia mais

Gesso Acartonado CONCEITO

Gesso Acartonado CONCEITO CONCEITO As paredes de gesso acartonado ou Drywall, são destinados a dividir espaços internos de uma mesma unidade. O painel é composto por um miolo de gesso revestido por um cartão especial, usado na

Leia mais

Adaptam-se a todas as necessidades.

Adaptam-se a todas as necessidades. Knauf Folheto Técnico 03/2014 Tampas de Inspeção Knauf Adaptam-se a todas as necessidades. As Tampas de Inspeção Knauf são de simples manuseio, facilitando o acesso à instalações internas de paredes, tetos

Leia mais

Chapa colada na alvenaria. Corte Vertical. Alvenaria-Pilar. Corte Horizontal - Revestimento do Pilar. Revestimento Knauf W611 Detalhes Técnicos 00-01

Chapa colada na alvenaria. Corte Vertical. Alvenaria-Pilar. Corte Horizontal - Revestimento do Pilar. Revestimento Knauf W611 Detalhes Técnicos 00-01 Revestimento Knauf W611 Detalhes Técnicos Corte Vertical Chapa colada na alvenaria Fita para juntas Alvenaria existente Massa Perlfix Chapa Knauf Massa Perlfix Chapa Knauf Chapa Knauf Massa Perlfix Corte

Leia mais

! ESTÚDIO!DE!ARQUITETURA:!SUSTENTABILIDADE!AMBIENTAL!! FERNANDA MOURA !!!!!!!!!!!!!!! PESQUISA' DRYWALL' PORTAS' !!!!!!!!!!!! !!! ! 1!

! ESTÚDIO!DE!ARQUITETURA:!SUSTENTABILIDADE!AMBIENTAL!! FERNANDA MOURA !!!!!!!!!!!!!!! PESQUISA' DRYWALL' PORTAS' !!!!!!!!!!!! !!! ! 1! ! ESTÚDIO!DE!ARQUITETURA:!SUSTENTABILIDADE!AMBIENTAL!! FERNANDA MOURA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! PESQUISA'!!! DRYWALL' E'' PORTAS'! 1! !!! SUMÁRIO!!! PAREDES!DRYWALL! 1. 'FABRICANTE:'KNAUF 1. 1 PAREDE

Leia mais

COMPONENTES. Chapa de gesso: 3 tipos

COMPONENTES. Chapa de gesso: 3 tipos Paredes internas Estrutura leve GESSO ACARTONADO Fixado em perfis de chapa de aço galvanizado (esqueleto de guias e montantes) Parede: chapas de gesso em uma ou mais camadas Superfície pronta para o acabamento

Leia mais

Soluções que sustentam a qualidade do seu projeto

Soluções que sustentam a qualidade do seu projeto Knauf Folheto Técnico 2008 Paredes Knauf Soluções que sustentam a qualidade do seu projeto Estabilidade, resistência a impactos, proteção termoacústica e outras características inovadoras que não dividem

Leia mais

http://www.revistatechne.com.br/engenharia-civil/100/imprime31592.asp

http://www.revistatechne.com.br/engenharia-civil/100/imprime31592.asp 1 de 11 01/11/2010 22:14 Juntas em drywall O termo drywall é aqui adotado para designar genericamente sistemas construtivos de paredes internas não-estruturais constituídas de chapas de gesso acartonado

Leia mais

Placostil - Wall Paredes

Placostil - Wall Paredes 0 0 Placostil - Wall Paredes Conceitos Sistema Placostil Wall Paredes É um sistema de paredes de vedações internas constituídas por uma estrutura metálica de chapa de aço galvanizado, sobre a qual se aparafusam,

Leia mais

Nº 170768. www.ipt.br

Nº 170768. www.ipt.br COMUNICAÇÃO TÉCNICA Nº 170768 Patologia de paredes dry-wall: formas de prevenção Claudio Vicente Mitidiéri Filho Trabalho apresentado no Seminário Patologias Precoces de Obras: o Risco do Passivo Técnico

Leia mais

SISTEMA DRY WALL E STEEL FRAME

SISTEMA DRY WALL E STEEL FRAME GESSO SISTEMA DRY WALL E STEEL FRAME Gesso O gesso é uma substância, normalmente vendida na forma de um pó branco, produzida a partir do mineral gipsita, composto basicamente de sulfato de cálcio hidratado.

Leia mais

Knauf Safeboard Sistemas de proteção radiológica 0% chumbo. 100% segurança

Knauf Safeboard Sistemas de proteção radiológica 0% chumbo. 100% segurança KNAUF SAFEBOARD HOMOLOGADO IRD-CNEN Nº 140312 Knauf Folheto Técnico 08 / 2014 Knauf Sistemas de proteção radiológica 0% chumbo. 100% segurança Estabilidade e blindagem de ambientes submetidos à radiação

Leia mais

Construção e montagem

Construção e montagem Construção e montagem Paredes com estrutura metálica W11 Construção A paredes consistem de uma estrutura metálica revestida com uma mais s de gesso, aparafusadas de ambos os lados. A estrutura metálica

Leia mais

CENTRO UNIVERSITARIO DE BELO HORIZONTE

CENTRO UNIVERSITARIO DE BELO HORIZONTE CENTRO UNIVERSITARIO DE BELO HORIZONTE Estúdio de Arquitetura: Sustentabilidade Steel Framing Aluna: Gabriela Carvalho Ávila Maio de 2014 ÍNDICE 1 Introdução... 4 2 Sistema Ligth Steel Framing... 5 2.1

Leia mais

Knauf Safeboard Sistemas de proteção radiológica 0% chumbo. 100% segurança.

Knauf Safeboard Sistemas de proteção radiológica 0% chumbo. 100% segurança. Knauf Safeboard Sistemas de proteção radiológica 0% chumbo. 100% segurança. Estabilidade, resistência a Raio X, facilidade de controle e manutenção, peso reduzido e características inovadoras. Descrição

Leia mais

Construção de Edícula

Construção de Edícula Guia para Construção de Edícula Guia do montador Mais resistência e conforto para sua vida. As paredes com Placas Cimentícias Impermeabilizadas e Perfis Estruturais de Aço Galvanizado para steel framing

Leia mais

Sistemas Placostil. Manual de especificação e instalação

Sistemas Placostil. Manual de especificação e instalação Sistemas Placostil Manual de especificação e instalação Edição Atualizada FEV/2013 Sistemas Placostil A forma inteligente de construir ou reformar em drywall. Os Sistemas Placostil são técnicas construtivas

Leia mais

Placostil - Ceiling Forros

Placostil - Ceiling Forros 00 ÍNDICE Placostil - Ceiling Forros Especificação Etapas do Sistema de Forro. Especificação Critérios de escolha do sistema Conheça o uso do ambiente projetado Ambiente que necessita de tratamento acústico

Leia mais

CATÁLOGO PERFIS PERFIL DRYWALL PERFIL STEEL FRAME PERFIL DIVISÓRIA NAVAL 35 MM PERFIL PAINEL WALL TOPCLICK PERFIL CLICADO PERFIS ESPECIAIS

CATÁLOGO PERFIS PERFIL DRYWALL PERFIL STEEL FRAME PERFIL DIVISÓRIA NAVAL 35 MM PERFIL PAINEL WALL TOPCLICK PERFIL CLICADO PERFIS ESPECIAIS CATÁLOGO PERFIS PERFIL DRYWALL PERFIL STEEL FRAME PERFIL DIVISÓRIA NAVAL 35 MM PERFIL PAINEL WALL TOPCLICK PERFIL CLICADO PERFIS ESPECIAIS KIT HIDRÁULICO PORTA EMBUTIDA FORRO PVC ACESSÓRIOS 30 GUIA DE

Leia mais

Forros Removíveis Knauf Beleza e funcionalidade para colocar seus projetos nas alturas

Forros Removíveis Knauf Beleza e funcionalidade para colocar seus projetos nas alturas Knauf Folheto Técnico 8 Forros Removíveis Knauf Beleza e funcionalidade para colocar seus projetos nas alturas Produtos com diferenciais exclusivos aliam facilidade de instalação e manutenção às mais variadas

Leia mais

Catálogo de Produtos. www.gypsum.com.br. sac: 0800 282-9255

Catálogo de Produtos. www.gypsum.com.br. sac: 0800 282-9255 Alstom / SP - Arq. José Ivo Wohnrath. QUALIGESSO sac: 0800 282-9255 04 05 07 08 10 12 13 14 16 Catálogo de Produtos CHAPAS GYPSUM CHAPAS ESPECIAIS MASSAS E COLAS PERFIS METÁLICOS ACESSÓRIOS ACESSÓRIOS

Leia mais

FORRO DE GESSO. Integrantes: Diogo Godinho Barroso nº Luisa Jorge Garcia nº 104326 Marcella Silva Albino nº 083891. Santos / SP

FORRO DE GESSO. Integrantes: Diogo Godinho Barroso nº Luisa Jorge Garcia nº 104326 Marcella Silva Albino nº 083891. Santos / SP FORRO DE GESSO Integrantes: Diogo Godinho Barroso nº Luisa Jorge Garcia nº 104326 Marcella Silva Albino nº 083891 Santos / SP Forro de Gesso Sistema Gypsum Drywall Base na Norma ABNT NBR 15758 partes 1,

Leia mais

2 - Instalação dos Módulos e Rede de Irrigação

2 - Instalação dos Módulos e Rede de Irrigação - Instalação dos Módulos e Rede de Irrigação APRESENTAÇÃO DO PRODUTO O WallGreen consiste em um sistema desenvolvido para a instalação de Jardins Verticais. O sistema é m o n t a d o f o r m a n d o n

Leia mais

Acessórios para Drywall

Acessórios para Drywall Acessórios para Drywall 1 Painéis de Gesso Sheetrock UltraLight Inovação Até 30% mais leve que as chapas disponíveis no mercado; Combina formulações existentes e processos com novas tecnologias patenteadas.

Leia mais

Orientações para Instalação do SISTEMA C da AMF

Orientações para Instalação do SISTEMA C da AMF Orientações para Instalação do SISTEMA C da AMF O SISTEMA C é o tipo de sistema estrutural para forros removíveis mais utilizado no mundo, combinando rapidez e simplicidade na instalação com preço econômico.

Leia mais

ANEXO I ESPECIFICAÇÕES DO OBJETO

ANEXO I ESPECIFICAÇÕES DO OBJETO ANEXO I ESPECIFICAÇÕES DO OBJETO Item Código comprasnet Qtde Mínima Qtde Máxima Unidade Descrição do Item Valor Unitário Valor mínimo Valor Máximo 01 295318 450,00 860,00 m² Paredes em gesso acartonado

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BELO HORIZONTE-UNIBH DRYWALL. Miriã Aquino

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BELO HORIZONTE-UNIBH DRYWALL. Miriã Aquino CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BELO HORIZONTE-UNIBH DRYWALL Miriã Aquino Belo Horizonte 2014 1 SUMÁRIO: APLICAÇÕES... 3 Paredes:... 3 Separação de Ambientes internos... 4 Isolamento Acústico Superior... 8 Isolamento

Leia mais

1. Identificação do Produto e da Empresa

1. Identificação do Produto e da Empresa 1. Identificação do Produto e da Empresa Produto: Perfis de Poliestireno Tipo de produto: 96 % de Poliestireno Reciclado e 4 % de Poliestireno Virgem Empresa: Indústria e Comércio de Molduras Santa Luzia

Leia mais

PLACOSTIL - Acabamentos

PLACOSTIL - Acabamentos 01 142 PLACOSTIL - Acabamentos Índice da Atividade Massas e Fitas 144 Tratamento ou Execução de Juntas 144 Fitas de Acabamento 144 Massas 145 Tipos de Juntas 146 145 Orientações Gerais 146 Juntas Níveis

Leia mais

MATERIAIS BÁSICOS PARA INSTALAÇÕES ELÉTRICAS

MATERIAIS BÁSICOS PARA INSTALAÇÕES ELÉTRICAS IFSC- JOINVILLE SANTA CATARINA DISCIPLINA DESENHO TÉCNICO CURSO ELETRO-ELETRÔNICA MATERIAIS BÁSICOS PARA INSTALAÇÕES ELÉTRICAS 2011.2 Prof. Roberto Sales. MATERIAIS BÁSICOS PARA INSTALAÇÕES ELÉTRICAS A

Leia mais

Manual de Projeto de Sistemas Drywall paredes, forros e revestimentos

Manual de Projeto de Sistemas Drywall paredes, forros e revestimentos Manual de Projeto de Sistemas Drywall paredes, forros e revestimentos 1 Prefácio Este é o primeiro manual de projeto de sistemas drywall publicado no Brasil um trabalho aguardado por arquitetos, engenheiros,

Leia mais

Forros Removíveis Knauf Beleza e funcionalidade para colocar seus projetos nas alturas

Forros Removíveis Knauf Beleza e funcionalidade para colocar seus projetos nas alturas Knauf Folheto Técnico 8 Forros Removíveis Knauf Beleza e funcionalidade para colocar seus projetos nas alturas Produtos com diferenciais exclusivos aliam facilidade de instalação e manutenção às mais variadas

Leia mais

CARTILHA DO INSTALADOR

CARTILHA DO INSTALADOR CARTILHA DO INSTALADOR FORRO AMF COM ESTRUTURA APARENTE - SISTEMA C SUMÁRIO 1. Introdução 2. Benefícios do forro AMF 3. Sistema C - Aparente 4. O que é AMF Thermatex 5. Modulações e bordas 6. Layout 7.

Leia mais

Telha TopSteel. Telhas termoacústicas. Leveza e conforto aliados à eficiência.

Telha TopSteel. Telhas termoacústicas. Leveza e conforto aliados à eficiência. Telha TopSteel Telhas termoacústicas. Leveza e conforto aliados à eficiência. Telha TopSteel Leveza e conforto aliados à eficiência. As novas telhas termoacústicas TopSteel da Brasilit são de fácil transporte

Leia mais

Parabond 700 Adesivo estrutural elástico de elevada aderência e resistência inicial

Parabond 700 Adesivo estrutural elástico de elevada aderência e resistência inicial Parabond 700 Adesivo estrutural elástico de elevada aderência e resistência inicial Produto: Parabond 700 é um adesivo de alta qualidade, cura rápida, permanentemente elástico, à base de MS polímero, com

Leia mais

Elegância e beleza valorizando o projeto arquitetônico.

Elegância e beleza valorizando o projeto arquitetônico. Elegância e beleza valorizando o projeto arquitetônico. A telha Modulada contribui de forma marcante para compor a harmonia dos telhados residenciais. Possui as vantagens de um produto funcional, resistente

Leia mais

GUIA TÉCNICO DE MONTAGEM

GUIA TÉCNICO DE MONTAGEM TELHAS DE FIBROCIMENTO FIBROTEX - ONDINA - ONDINA PLUS - ONDULADA - COLONIAL ONDA 50 - MAXIPLAC - KALHETA - KALHETA 49 - KALHETÃO 90 GUIA TÉCNICO DE MONTAGEM Indispensável para a montagem correta do telhado.

Leia mais

Rigitone. Manual de especificação e instalação

Rigitone. Manual de especificação e instalação Rigitone 8-15-20 Super Rigitone Perfurações circulares aleatórias e quadradas para forros contínuos Forros internos, não estruturais de edifícios e não expostos a intempéries. 12-25Q São constituídos de

Leia mais

PARAFUSO DRYWALL CABEÇA DE TROMBETA

PARAFUSO DRYWALL CABEÇA DE TROMBETA 21 FIXAÇÃO CONSTRUÇÃO A SECO PARAFUSO DRYWALL CABEÇA DE TROMBETA PONTA AGULHA CÓDIGO Ø ROSCA COMPRIMENTO EMBALAGEM 363721 #6-3,5 mm 25 mm (GN25) CX. 1000 PÇS 363734 #6-3,5 mm 35 mm (GN35) CX. 1000 PÇS

Leia mais

Elementos Táteis de Alerta Linha Dome - Mozaik

Elementos Táteis de Alerta Linha Dome - Mozaik Elementos Táteis de Alerta Linha Dome - Mozaik APRESENTAÇÃO Os elementos táteis Mozaik foram projetados para a sinalização tátil de pisos executados em praticamente quaisquer tipos de materiais de revestimento,

Leia mais

REVESTIMENTO DEFACHADA. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I

REVESTIMENTO DEFACHADA. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I REVESTIMENTO DEFACHADA Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I FUNÇÕES DO REVESTIMENTO DE FACHADA Estanqueida de Estética CONDIÇÕES DE INÍCIO

Leia mais

ETERMAX. www.eternit.com.br. Eternit S.A. - R. Dr. Fernandes Coelho, 85-8º and. - São Paulo - SP - CEP 05423-040 - Tel.

ETERMAX. www.eternit.com.br. Eternit S.A. - R. Dr. Fernandes Coelho, 85-8º and. - São Paulo - SP - CEP 05423-040 - Tel. ETERMAX www.eternit.com.br Eternit S.A. - R. Dr. Fernandes Coelho, 85-8º and. - São Paulo - SP - CEP 05423-040 - Tel.: (11) 3038-3838 Qualidade aliada à versatilidade Atende às mais variadas soluções arquitetônicas,

Leia mais

Aplicações Xadrez Pigmento em Pó

Aplicações Xadrez Pigmento em Pó Dê asas à sua imaginação nas diversas aplicações do Pó Xadrez. Aplicações Xadrez Pigmento em Pó O PÓ XADREZ é um pigmento concentrado que proporciona efeitos decorativos em diversas aplicações. Mais econômico,

Leia mais

APRESENTANDO O DRYWALL EM PAREDES, FORROS E REVESTIMENTOS RESUMO

APRESENTANDO O DRYWALL EM PAREDES, FORROS E REVESTIMENTOS RESUMO APRESENTANDO O DRYWALL EM PAREDES, FORROS E REVESTIMENTOS BRITO DA COSTA, Eliane¹. ALBUQUERQUE DA SILVA, Taynara¹. BOMBONATO, Fabiele². faby_bombonato@hotmail.com RESUMO A formação deste trabalho apresenta

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO DOS PISOS VINÍLICOS EM MANTAS FORTHFLEX, FORTHPISO, FORTHVINYL, CARAVAN E PASTILLE FLOOR

MANUAL DE INSTALAÇÃO DOS PISOS VINÍLICOS EM MANTAS FORTHFLEX, FORTHPISO, FORTHVINYL, CARAVAN E PASTILLE FLOOR MANUAL DE INSTALAÇÃO DOS PISOS VINÍLICOS EM MANTAS FORTHFLEX, FORTHPISO, FORTHVINYL, CARAVAN E PASTILLE FLOOR ANTES DA INSTALAÇÃO: Para podermos ter uma excelente apresentação da instalação não dependemos

Leia mais

O que é o Durafloor? 1 Durafloor Home, Durafloor Pro, Durafloor Premium 1 Serviços 2. Instalar é simples 3 Preparando a instalação 3

O que é o Durafloor? 1 Durafloor Home, Durafloor Pro, Durafloor Premium 1 Serviços 2. Instalar é simples 3 Preparando a instalação 3 Durafloor O que é o Durafloor? 1 Durafloor Home, Durafloor Pro, Durafloor Premium 1 Serviços 2 Índice Análise do ambiente Instalar é simples 3 Preparando a instalação 3 Instalação Ferramentas e Materiais

Leia mais

Materiais de Construção Civil. Aula 07. Gesso para Construção Civil

Materiais de Construção Civil. Aula 07. Gesso para Construção Civil Materiais de Construção Civil Aula 07 Gesso para Construção Civil Taciana Nunes Arquiteta e Urbanista Gesso para Construção Civil O gesso é um mineral aglomerante produzido a partir da calcinação da gipsita,

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO

MANUAL DE INSTALAÇÃO MANUAL DE INSTALAÇÃO PLACAS DECORADAS - PROCESSO DE COLAGEM O produto deve ser aplicado sobre alvenaria, gesso ou madeira. A superfície deve estar lisa, completamente seca, sólida e forte o suficiente

Leia mais

Manual de Montagem. Construções industrializadas com Placa Cimentícia e Painel Masterboard.

Manual de Montagem. Construções industrializadas com Placa Cimentícia e Painel Masterboard. Manual de Montagem Construções industrializadas com Placa Cimentícia e Painel Masterboard. Armazenamento As placas e painéis devem ser estocados em um local seco e abrigado, seguindo estas instruções:

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA EXECUÇÃO DE REVESTIMENTO INTERNO COM PROGESSO PROJETÁVEL

PROCEDIMENTOS PARA EXECUÇÃO DE REVESTIMENTO INTERNO COM PROGESSO PROJETÁVEL PROCEDIMENTOS PARA EXECUÇÃO DE REVESTIMENTO INTERNO COM PROGESSO PROJETÁVEL DESCRIÇÃO DO MÉTODO DE EXECUÇÃO: 1. Condições para o início dos serviços A alvenaria deve estar concluída e verificada. As superfícies

Leia mais

Sistema para Tratamento de Juntas Brasilit. Leveza, resistência e rapidez para sua obra.

Sistema para Tratamento de Juntas Brasilit. Leveza, resistência e rapidez para sua obra. Sistema para Tratamento de Juntas Brasilit Leveza, resistência e rapidez para sua obra. Tratamento de Juntas Brasilit Existem vários tipos de tratamento de junta para as Placas Cimentícias. O tipo de tratamento

Leia mais

Principais funções de um revestimento de fachada: Estanqueidade Estética

Principais funções de um revestimento de fachada: Estanqueidade Estética REVESTIMENTO DE FACHADA Principais funções de um revestimento de fachada: Estanqueidade Estética Documentos de referência para a execução do serviço: Projeto arquitetônico Projeto de esquadrias NR 18 20

Leia mais

Sistemas Placostil. Manual de especificação e instalação

Sistemas Placostil. Manual de especificação e instalação Sistemas Placostil Manual de especificação e instalação Sistemas Placostil Drywall: Soluções construtivas leves e de rápida A liderança de mercado conquistada pela Placo do Brasil conduz a empresa no compromisso

Leia mais

MEMORIAL DE CÁLCULO E MATERIAIS PROJETO DE ACÚSTICA ARQUITETÔNICA TCE/AC ARQ. DAVID QUEIROZ DE SANT ANA CREA PR-82206/D

MEMORIAL DE CÁLCULO E MATERIAIS PROJETO DE ACÚSTICA ARQUITETÔNICA TCE/AC ARQ. DAVID QUEIROZ DE SANT ANA CREA PR-82206/D MEMORIAL DE CÁLCULO E MATERIAIS PROJETO DE ACÚSTICA ARQUITETÔNICA TCE/AC ARQ. DAVID QUEIROZ DE SANT ANA CREA PR-82206/D CURITIBA 2012 1. INTRODUÇÃO Este memorial de cálculo e materiais foi elaborado para

Leia mais

CENTRO ADMINISTRATIVO DO ESTADO DE MINAS GERAIS ESPECIFICAÇÃO TRATAMENTO ACÚSTICO

CENTRO ADMINISTRATIVO DO ESTADO DE MINAS GERAIS ESPECIFICAÇÃO TRATAMENTO ACÚSTICO 1 / 11 CENTRO ADMINISTRATIVO DO ESTADO DE MINAS GERAIS ESPECIFICAÇÃO 2 / 11 ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO...03 2. DESCRIÇÃO GERAL...03 3. / ABSORÇÃO...06 4. DOCUMENTOS...10 3 / 11 1 - INTRODUÇÃO: Trata-se do Projeto

Leia mais

Com relação à industrialização e à racionalização das construções, julgue o item subsecutivo.

Com relação à industrialização e à racionalização das construções, julgue o item subsecutivo. Com relação à industrialização e à racionalização das construções, julgue o item subsecutivo. 85.(STM/CESPE/2011) A taipa de mão é, tradicionalmente, fabricada por meio de processos artesanais ou com forte

Leia mais

FIXANDO AS CAVERNAS NO PICADEIRO 33

FIXANDO AS CAVERNAS NO PICADEIRO 33 2 1 100 1 132 1 000 FIXANDO AS CAVERNAS NO PICADEIRO 33 1. Coloque a caverna do meio sobre o picadeiro a frente da traverssa. Para o barco de 5,2 m a caverna 2, para os barcos maiores a caverna 3. 2. Alinhe

Leia mais

Esquadrias Metálicas Ltda. Manual de instruções.

Esquadrias Metálicas Ltda. Manual de instruções. Manual de instruções. PORTA DE ABRIR A Atimaky utiliza, na fabricação das janelas, aço galvanizado adquirido diretamente da Usina com tratamento de superfície de ultima geração nanotecnologia (Oxsilan)

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO

MANUAL DE INSTALAÇÃO MANUAL DE INSTALAÇÃO O manual tem como objetivo auxiliar e responder algumas perguntas sobre o processo de instalação, conservação e limpeza das placas Decopainel. Aplica-se para todas as linhas (placas,

Leia mais

Forro de chapas de gesso acartonado (drywall)

Forro de chapas de gesso acartonado (drywall) Esta seção será publicada em duas partes. Veja na próxima edição os procedimentos e normas para instalação (serviço). OPÇÕES Veja os tipos de forros >FORRO DE CHAPAS DE GESSO ACARTONADO (DRYWALL) > FORRO

Leia mais

APRESENTAÇÃO FA - V02-05/13. Belmetal SP - GDP

APRESENTAÇÃO FA - V02-05/13. Belmetal SP - GDP APRESENTAÇÃO Ousadia. Este é o resultado estético da utilização do sistema, que ao criar um aspecto clean acrescenta modernidade à sua obra. Com versões ``pele de vidro e structural glazing, o sistema

Leia mais

Instalação dos Forros Suspensos Armstrong

Instalação dos Forros Suspensos Armstrong Instalação dos Forros Suspensos Armstrong Instalação de forros suspensos Armstrong O sistema de forro modular de fibra mineral Armstrong é funcional, atrativo e proporciona fácil acesso ao plenum. Este

Leia mais

Produtos. Índice da Atividade. Fichas de. Produtos. Guia de Seleção 164. Componentes Metálicos. Decorativos. Fixação. Guia de Seleção 166

Produtos. Índice da Atividade. Fichas de. Produtos. Guia de Seleção 164. Componentes Metálicos. Decorativos. Fixação. Guia de Seleção 166 01 162 Produtos Índice da Atividade Guia de Seleção 164 Componentes Metálicos Decorativos Fixação Guia de Seleção 166 Forros Especiais Isolação Massas e Complementares de Massa Painéis de Acesso Placas

Leia mais

VEDAPREN cobre a estrutura com uma membrana impermeável e elástica.

VEDAPREN cobre a estrutura com uma membrana impermeável e elástica. Descrição VEDAPREN cobre a estrutura com uma membrana impermeável e elástica. Características Densidade: 1,02 g/cm 3 Aparência: Cor preta Composição básica: emulsão asfáltica modificada com elastômeros

Leia mais

RECEITA PRÁTICA PARA UMA BOA INSTALAÇÃO

RECEITA PRÁTICA PARA UMA BOA INSTALAÇÃO RECEITA PRÁTICA PARA UMA BOA INSTALAÇÃO Madeiramento: Verifique se os ripões ou sarrafos foram bem fixados e distribuídos sobre os caibros com o espaçamento correto para o assentamento e fixação das telhas

Leia mais

RESISTÊNCIA MECÂNICA E FIXAÇÃO DE OBJETOS EM PAREDES DRYWALL

RESISTÊNCIA MECÂNICA E FIXAÇÃO DE OBJETOS EM PAREDES DRYWALL Rua Julio Diniz, 56 cj. 41 Vila Olímpia CEP 04547-090 São Paulo, SP Tel. 55 (11) 3842-2433 www.drywall.org.br RESISTÊNCIA MECÂNICA E FIXAÇÃO DE OBJETOS EM PAREDES DRYWALL Índice Resistência mecânica e

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO DE BATENTES E PORTAS CORTA-FOGO

MANUAL DE INSTALAÇÃO DE BATENTES E PORTAS CORTA-FOGO INSTALAÇÃO DOS BATENTES A instalação dos batentes é simples porém, são necessários alguns cuidados básicos para obter uma porta em perfeitas condições: Para a fixação do batente, levantam-se as grapas

Leia mais

C-EC/U. Porta Comercial de Encosto em caixilho "U

C-EC/U. Porta Comercial de Encosto em caixilho U C-EC/U Porta Comercial de Encosto em caixilho "U A Dânica Doors recomenda que as instruções de montagem contidas neste manual sejam seguidas rigorosamente para que as portas atendam em sua plena funcionalidade.

Leia mais

Sobreposição das telhas: Verifique se as sobreposições laterais e longitudinais estão seguindo as especificações do Manual de Instalação.

Sobreposição das telhas: Verifique se as sobreposições laterais e longitudinais estão seguindo as especificações do Manual de Instalação. RECEITA PRÁTICA PARA UMA BOA INSTALAÇÃO Madeiramento: Verifique se os ripões ou sarrafos foram bem fixados e distribuídos sobre os caibros com o espaçamento correto para o assentamento e fixação das telhas

Leia mais

Apostila Técnica de Porta Paletes 01 de 31

Apostila Técnica de Porta Paletes 01 de 31 Apostila Técnica de Porta Paletes 01 de 31 Tópicos Abordados: 1. Porta Paletes Seletivo (convencional): 2. Drive-in / Drive-thru Objetivo: Esta apostila tem como principal objetivo ampliar o conhecimento

Leia mais

PES - Procedimento de Execução de Serviço

PES - Procedimento de Execução de Serviço Revisão: 00 Folha: 1 de 6 1. EQUIPAMENTOS Esquadro metálico; Martelo e serrote; Serra de bancada com proteção para disco; Corda; Chave de dobra; Policorte; Tesoura manual; Gerica e carrinho de mão; Desempenadeira

Leia mais

Relatório Setorial nº019

Relatório Setorial nº019 Entidade Setorial Nacional Mantenedora Associação Brasileira do Drywall Rua Julio Diniz, 56 cj. 41 V. Olímpia CEP 04547-090 São Paulo SP Tel./Fax: (11) 3842-2433 http://www.drywall.org.br Entidade Gestora

Leia mais

CATÁLOGOPERFIS PERFIL DRYWALL PERFIL STEEL FRAME PERFIL DIVISÓRIA NAVAL 35 MM PERFIL PAINEL WALL TOPCLICK PERFIL CLICADO PERFIS ESPECIAIS

CATÁLOGOPERFIS PERFIL DRYWALL PERFIL STEEL FRAME PERFIL DIVISÓRIA NAVAL 35 MM PERFIL PAINEL WALL TOPCLICK PERFIL CLICADO PERFIS ESPECIAIS CATÁLOGOPERFIS PERFIL DRYWALL PERFIL STEEL FRAME PERFIL DIVISÓRIA NAVAL 35 MM PERFIL PAINEL WALL TOPCLICK PERFIL CLICADO PERFIS ESPECIAIS KIT HIDRÁULICO PORTA EMBUTIDA FORRO PVC ACESSÓRIOS anandametais.com.br

Leia mais

RESISTÊNCIA MECÂNICA E FIXAÇÃO DE OBJETOS EM PAREDES DRYWALL

RESISTÊNCIA MECÂNICA E FIXAÇÃO DE OBJETOS EM PAREDES DRYWALL Manual de Fixação - 23-10-2014:Layout 1 26/11/14 17:06 Page 1 RESISTÊNCIA MECÂNICA E FIXAÇÃO DE OBJETOS EM PAREDES DRYWALL Rua Julio Diniz, 56 cj. 41 Vila Olímpia CEP 04547-090 São Paulo, SP Tel. 55 (11)

Leia mais

PERFIS ANANDA METAIS: SUSTENTAM O PROGRESSO

PERFIS ANANDA METAIS: SUSTENTAM O PROGRESSO CATÁLOGO PERFIS PERFIS ANANDA METAIS: SUSTENTAM O PROGRESSO PERFIL DRYWALL Os Perfis Drywall da Ananda Metais são produzidos com a mais alta tecnologia e o mais rigoroso controle de qualidade, desde o

Leia mais

Painéis Masterboard 36. APRESENTAÇÃO 37. INTRODUÇÃO 38. CARACTERÍSTICAS DO MASTERBOARD

Painéis Masterboard 36. APRESENTAÇÃO 37. INTRODUÇÃO 38. CARACTERÍSTICAS DO MASTERBOARD Painéis Masterboard Painéis Masterboard 36. APRESENTAÇÃO A nova linha de painéis Masterboard Brasilit é a combinação entre miolo de madeira, revestido nas duas faces por Placas Cimentícias Brasilit, sem

Leia mais

Manual Técnico - OHRA E GAV. PLANO -

Manual Técnico - OHRA E GAV. PLANO - Manual Técnico - OHRA E GAV. PLANO - Material elaborado pelo departamento técnico da OfficeBrasil Desenvolvimento de Projetos e Produtos Última atualização: Março de 2013 Belo Horizonte, MG Linha Ohra

Leia mais

MANUAL TÉCNICO Amanco Ramalfort

MANUAL TÉCNICO Amanco Ramalfort Amanco Ramalfort Desenho e Dimensões Os tubos Amanco Ramalfort foram desenvolvidos para condução de água no trecho compreendido entre o ponto de derivação da rede de distribuição de água e o kit cavalete

Leia mais

Painel Isojoint Wall. Painel térmico para fachadas GUIA BÁSICO DE MONTAGEM

Painel Isojoint Wall. Painel térmico para fachadas GUIA BÁSICO DE MONTAGEM Painel Isojoint Wall Painel térmico para fachadas GUIA BÁSICO DE MONTAGEM APRESENTAÇÃO Os painéis wall pur são recomendados para a utilização em fachadas visto seu design e beleza. Além da estética ele

Leia mais

SUPORTE TÉCNICO SOBRE LIGHT STEEL FRAME

SUPORTE TÉCNICO SOBRE LIGHT STEEL FRAME Sistema de ds A SOLUÇÃO INTELIGENTE PARA A SUA OBRA SUPORTE TÉCNICO SOBRE LIGHT STEEL FRAME www.placlux.com.br VOCÊ CONHECE O SISTEMA CONSTRUTIVO LIGHT STEEL FRAME? VANTAGENS LIGHT STEEL FRAME MENOR CARGA

Leia mais

Parece madeira, mas é muito melhor. Manual de instalação

Parece madeira, mas é muito melhor. Manual de instalação Parece madeira, mas é muito melhor. Manual de instalação Índice 2 Ø FERRAMENTAS RECOMENDADAS... 06 Ø PERFIS ESPECIFICAÇÕES... 07 Ø DECK PLANO NO CONTRAPISO Preparação do local... 09 Espaçamento... 10 Fixação...

Leia mais

MAXIJUNTA - 3 EM 1 PRODUTO:

MAXIJUNTA - 3 EM 1 PRODUTO: INDICAÇÕES: Argamassa colante de assentamento e rejuntamento simultâneo flexível de alta adesividade para áreas internas e externas. Assenta e rejunta pastilhas de porcelana e cerâmica até 7,5 x 7,5 cm,

Leia mais

Placostil - Ceiling Forros

Placostil - Ceiling Forros 00 índice Placostil - Ceiling Índice da Atividade Placostil - Ceiling 0 Conceito 0 Especificação 0 Placostil - Ceiling Contínuos Lisos F0 Orientações Gerais Indicações Quantidades Estimadas de Materiais

Leia mais

A INSTITUTO FEDERAL DE MINAS GERAIS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES Fone:(31)2513-5198 Fax: (31) 2513-5203 PREGÃO ELETRÔNICO 175/2013

A INSTITUTO FEDERAL DE MINAS GERAIS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES Fone:(31)2513-5198 Fax: (31) 2513-5203 PREGÃO ELETRÔNICO 175/2013 A INSTITUTO FEDERAL DE MINAS GERAIS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES Fone:(31)2513-5198 Fax: (31) 2513-5203 PREGÃO ELETRÔNICO 175/2013 1 1. DADOS DO FORNECEDOR 1.1 Dados Cadastrais da Empresa Razão Social:

Leia mais

FORMAS E ARMADURAS. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I

FORMAS E ARMADURAS. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I FORMAS E ARMADURAS Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I CUSTO DA ESTRUTURA (SABBATINI, et. Al, 2007) CUSTO DOS ELEMENTOS DA ESTRUTURA

Leia mais

Chapas de gesso acartonado

Chapas de gesso acartonado VERDE INOVAÇÃO CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL Chapas de gesso acartonado Ideal para paredes, forros, revestimentos e mobiliário fixo. Panel Rey é um Sistema com mais de 25 Anos de Experiência As chapas de gesso

Leia mais

SOLUÇÕES PARA ANDAIMES DE ACESSO 2012/13

SOLUÇÕES PARA ANDAIMES DE ACESSO 2012/13 SOLUÇÕES PARA ANDAIMES DE ACESSO 2012/13 SH fôrmas Andaimes e Escoramentos soluções Para andaimes de acesso SoluçõES para ANDAImES DE ACESSo ESCADAS TubO EquIpADO SH MODEx SH fachadeiro SH soluções Para

Leia mais