Placostil - Wall Paredes

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Placostil - Wall Paredes"

Transcrição

1 0 0

2 Placostil - Wall Paredes Conceitos Sistema Placostil Wall Paredes É um sistema de paredes de vedações internas constituídas por uma estrutura metálica de chapa de aço galvanizado, sobre a qual se aparafusam, em ambas as faces, placas de gesso Placo. Uma vez tratadas as suas juntas com fitas e massas conformam-se paredes contínuas prontas para o acabamento. Há também a opção das paredes com placas de gesso decoradas, um sistema pronto, sem a necessidade do tratamento de juntas e pintura final. A Placo do Brasil fabrica as placas de gesso conforme NBR 7-:00. Os requisitos para a instalação do sistema construtivo em placas de gesso para drywall, está referendado pela NBR 78-:009 - Projeto e Procedimentos Executivos para Montagem. Desempenho do sistema As paredes de drywall são formadas por componentes que unidos fornecem aos sistema diferentes níveis de desempenho. Portanto, o desempenho da parede depende da configuração dos seus componentes: Tipo e número de placas utilizadas Dimensões da estrutura metálicas (montantes/guias) Incorporação de elementos como lã de vidro (Placoglass) e Banda Acústica, como material isolante. Componentes do sistema Uma parede de drywall é composta pelos componentes abaixo:. Estrutura (guias/montantes). Placas de gesso. Tratamento de juntas. Sistema de isolamento acústico. Estrutura A estrutura de uma parede de drywall é formada por guias e montantes. Guias são utilizadas na horizontal Montantes são utilizados na vertical A configuração dos montantes traz ao sistema desempenhos diferentes, conforme a necessidade requerida em projeto, veja esquema abaixo: Montante Guia Montagem simples Montagem dupla em H Montagem dupla em tubo 0

3 . Placa de Gesso A placa de gesso é o sistema de fechamento da parede de drywall. Conforme a NBR 7-:00, as placas de gesso são classificadas como: Paredes Tipo de Placa Código Indicações Standard ST Paredes, revestimentos e forros em áreas secas. Resistente à umidade RU Paredes, revestimentos e forros em áreas sujeitas a umidades intermitentes. Resistente ao fogo RF Paredes, revestimentos e forros em áreas secas, que necessitem de resistência ao fogo. A placa de gesso pode ser fixada em múltiplas camadas, esta ação é denominada plaqueamento. Os mais utilizados são: plaqueamento simples, duplo ou triplo. Plaqueamento simples Plaqueamento duplo. Tratamento de Juntas O tratamento das juntas entre placas é uma das fases mais importantes do sistema de placa de gesso, e a sua qualidade vai depender em grande parte de todo o processo de instalação de seus componentes. O tratamento é feito utilizando-se fita de papel microperfurado, massas e cantoneiras especiais. Devem ser realizadas de forma consistente para assegurar a resistência mecânica entre as placas, a proteção ao fogo e o isolamento acústico, garantindo uma superfície única e sem fissuras.. Isolamento Termoacústico As paredes em drywall é um tipo de sistema massa/mola/massa que permite a instalação de uma manta acústica em seu interior para aumentar o desempenho termoacústico da parede.

4 Placostil - Wall Paredes Especificação e Projeto Etapas do sistema de parede É importante entender as etapas de especificação de paredes de drywall. Para a escolha e instalação de um sistema de forro existem três etapas importantes que devem ser seguidas:. Especificação. Projeto/Planejamento da instalação. Execução. Especificação do Sistema Critérios de escolha do sistema As paredes em drywall são recomendadas somente para vedações internas. Para a escolha correta do sistema de paredes é necessário analisar o desempenho técnico que se espera do ambiente, de acordo com as características do local da instalação, as funções e solicitações de uso do ambiente projetado, onde pode ser necessário: Isolamento acústico Altura elevada Resistência ao fogo Exposição a umidade (ex.: banheiros, cozinha) Outros.. Projeto/Planejamento Projeto de parede deve considerar alguns detalhes e premissas: Especificação da parede (definição de tipologia) conforme desempenho requerido; Tipo e condições do suporte da edificação onde será fixado à parede; Dispor de detalhes construtivos do sistema. Compatibilização dos projetos arquitetura, instalações (hidráulica, elétrica, luminotecnia, acabamentos, etc.). Objetivos: Prever detalhes construtivos necessários para inserir o sistema de parede no edifício projetado; Verificar as limitações de deformações da estrutura, que influenciam na estrutura da parede; Respeitar juntas estruturais existentes na edificação; Prever/estudar sistemas de instalações (elétricas, hidráulicas, ar-condicionado, som, etc. 0

5 Prever/estudar sistemas de embutir ou pendurar elementos decorativos/uso (armários, TVs, +- Paredes prateleiras, extintores, etc.); Definir juntas de movimentação/ dessolidarização/etc. Junta de dilatação: plaqueamento simples Detalhes de pontos singulares (juntas de movimentação, proteções, etc.) Analisar encontros de sistemas de paredes e/ou pontos de encontro/troca de sistemas, etc. Determinar juntas de movimentações. Obs.: A NBR 78-:009 recomenda que: Paredes com plaqueamento simples: prever juntas de dilatação a cada 0m², ou quando umas das dimensões for maior que m. Paredes com plaqueamento duplo: prever juntas de dilatação a cada 70m², ou quando umas das dimensões for maior m. O projeto deve prever juntas de movimentação em paredes de grandes dimensões, de forma a evitar fissuras de movimentação mecânicas e higrotérmicas. Essas juntas devem ser respeitadas na modulação das juntas da parede de drywall. Junta de dilatação: plaqueamento duplo Placa Placo ST Montante Placo Placoglass Nomenclatura em projetos A NBR.78-:009 (Sistemas Construtivos em Placas de Gesso para Drywall Projetos e Procedimentos Executivos para Montagem Parte : Requisitos para Sistemas Usados como Paredes, estabelece as diretrizes para projetos e seleção de sistema de paredes em placa de gesso para drywall, os procedimentos executivos para montagem e instalação. Dentro destas diretrizes existe um padrão de linguagem para especificação em projetos de paredes em drywall. Trata-se de uma sequência de blocos alfanuméricos que juntos formam a nomenclatura da parede, informando tipo de sistema, montagem, tipo de placa, etc. ª letra º número º número º número MD DE (L ou S) Placostil Espessura total da parede (mm) Largura dos montantes (mm) Espaçamento eixo a eixo dos montantes Montante duplo Dupla estrutura L = Ligada S = Separada Placas ª face Quantidade e tipo das placas em uma face Placas ª face Quantidade e tipo das placas na outra face Lã de vidro PG - Placoglass com a quantidade de camadas e respectivas espessuras - ver página 9 ª sigla de leitura Montantes Montantes Duplos Simples MS MD Montantes Tipo de estrutura DEL DES Leitura em projeto MS/DEL MS/DEL Observações Normalmente a sigla MS não aparece nas nomenclaturas de tipologias escritas, portanto na ausência da sigla MD, subentende-se que o montante é simples. MD/DEL MD/DEL A estrutura formada por montantes em H, obrigatoriamente deverá aparecer na tipologia a sigla MD.

6 Placostil - Wall Paredes Execução. Execução Cronograma da obra etapa de obra em que se recebe o sistema drywall O sistema de parede deve ser considerado também como o último sistema de fechamento, portanto a entrada na obra deve ser na fase, após concluído o sistema de vedação convencional. Antes do início da montagem das paredes, deve-se verificar o atendimento aos seguintes requisitos: As aberturas como janelas, portas externas, etc., e aberturas nos elementos: cobertura, shafts etc. precisam estar protegidas da entrada de vento, chuva e umidade excessiva. Os elementos construtivos na região do encontro com o parede devem estar acabados (exemplo: revestimento de alvenarias). As saídas das instalações hidráulicas, elétricas, ar-condicionado, sprinklers etc., devem estar posicionadas de acordo com o projeto. Plaqueamento: Corte as placas na altura do teto menos 0mm. Faça as aberturas (para instalações). Encoste as placas no teto, deixando uma folga de 0mm na parte inferior. Coloque as placas de maneira que as juntas de um lado sejam alternadas com as juntas do outro lado. No caso de paredes com placas duplas, a segunda camada é defasada da primeira. A junção entre as placas é feita sempre sobre um montante. Parafusar as placas nos montantes e nas guias superior e inferior, com espaçamento máximo de 00mm entre parafusos e dispostos no mínimo a 0mm da borda da placa. Montantes duplos, parafusar alternadamente sobre cada montante. Fixação das placas Procedimentos de execução Cartão estourado Faceando Estrutura: Demarque o local da parede, destacando a localização de vãos de porta. Fixe a banda acústica nas guias. Fixe as guias inferior e superior (pinos de aço, buchas, etc.) a cada 600mm, no máximo, e no término da peça manter distância máxima de 00mm. Fixe os montantes de partida nas paredes laterais ou pilares com espaçamento máximo de 600mm (variável por tipologia especificada). Os montantes devem ter entre 8 e 0mm a menos que o pé-direito (para absorver eventuais movimentações) e são encaixados nas guias e presos com alicate de punção ou parafuso. Para vencer alturas maiores que a medida o montante (m), os mesmos devem ser emendados conforme desenho. Ver página 6. Saliente Montante de reforço Parafuso TRPF Plaqueamento em vão de porta 00mm 00mm no mínimo 00mm Correto 00mm no mínimo 0 6

7 Paredes Placa Placo ST Montante Placo Guia Placo Massa Map Alvenaria Locais úmidos Placa Placo ST Montante Placo Batente Taco de madeira (seca e tratada) Espuma expansiva Para áreas úmidas, como banheiros, cozinhas e áreas de serviço, recomenda-se o uso de placas RU, resistentes à umidade, com tratamento de impermeabilização na base da parede. Recomendações de instalação: Sempre que utilizar placas do tipo RU, o espaçamento dos montantes deve ser de no máximo 00mm. Nas paredes de áreas sujeitas à ação de umidade, devem ser prontamente reparados eventuais vazamentos de água nas instalações, descolamentos ou falhas em revestimentos no piso e na impermeabilização, de forma a não permitir contato prolongado da água com a placa de gesso. Os pontos de utilização e passagem de tubos devem ser vedados com selante (tipo silicone, antifungo) flexível e apropriado. 6 Bancada técnica associada a uma parede de alvenaria Parede técnica com suporte de madeira para fixação de peças Placa Placo RU 7 Mastique impermeável flexível Montante Placo 8 Cordão de polietileno Guia Placo 9 Rodapé Placo de Impermeabilização Revestimento cerâmico 0 Rejunte flexível Argamassa flexível Proteção mecânica 6 Impermeabilização (camadas): Manta de impermeabilização Pintura impermeabilizante tela flexível Pintura impermeabilizante Obs.: Para outras informações, consulte o Departamento Técnico da Placo do Brasil pelo site ou telefone

8 Placostil - Wall Paredes Execução Cargas e fixações: 6 7 Madeira para reforço Vista frontal da estrutura Corte 6 Montante Guia Guia Intermediária Reforço da madeira Chapa metálica Vista frontal da estrutura Corte Consulte a novidade da PLACO. Placa Impact = maior resistencia a impacto e maior capacidade de cargas. Fixação de caixas elétricas Placa Placo ST Reforço metálico Montante Placo 6 Parafuso autotarrachante Guia Placo 7 Friso para encaixe no montante Reforço de madeira Caixa elétrica (drywall) Caixa elétrica (convencional) Para um melhor desempenho acustico, em paredes de divisão de ambientes,recomendamos o distanciamento de 00mm entre as caixas. 0 8

9 Fixação de Cargas Antes de executar uma fixação de uma carga em um sistema de parede, devemos conhecer: Tipo de parede (placas/estrutura) Tipo de carga a ser fixada (peso do elemento a ser fixado). Recomendações: Para a localização dos montantes do sistema, utilize um localizador de montante Placo (ferramenta imantada). Ver página 07 Paredes Na tabela abaixo você encontrará recomendações de cargas e sistema de fixação para cada tipo de carga, bem como as distâncias mínimas de segurança entre estas fixações Parede Placo Bucha Plástica Bucha Metálica Carga* Placa Montantes Reforço Metálico Reforço Madeira Expansão Basculante Expansão Basculante Até 0kg0 kg 8kg Acima 0kg até 8kg 0 kg Acima 8kg até 0kg Acima de 0kg Consultar Departamento Técnico * Carga referente a cada ponto de fixão Manter uma distância máxima de 00 mm entre os pontos de fixação. Obs.: Para outras informações, consulte o Departamento Técnico da Placo do Brasil pelo site ou telefone

10 Placostil - Wall Paredes Clássicas Paredes Sistema Placostil - Wall Paredes Clássicas Uma forma prática, rápida de construir vedações internas. As Paredes Clássicas são compostas por placas de gesso laminado, guias, acessórios e montantes. A configuração da montagem da estrutura (simples) confere uma redução na espessura da parede, comparado ao sistema convencional. São ideais para uso em residências e escritórios. Vantagens: Sistema leve e limpo; Facilidade e rapidez na instalação; Paredes leves e de baixa espessura; Desempenho Acústico; Flexibilidade.

11 Placostil - Wall Paredes Clássicas Orientações Gerais Uso interno: Indicado para: Divisão de ambientes internos; Permite instalação de Placoglass (ver página 9) para melhorar o desempenho termoacústico do ambiente; Ideal para compartimentação de ambientes residenciais e comerciais; Atinge altura de até,6m; Sistema de estrutura simples, produzindo paredes com espessura menores; Divisão de ambiente úmidos (banheiros, cozinhas, etc.) deverá ser utilizada Placa RU (resistente à umidade). Vantagens: Permite a passagem das instalações hidráulicas e elétricas; Sistemas de estruturas variadas conforme necessidades; Economia e menos desperdício; Aceita qualquer tipo de acabamento; Resistência e facilidade na fixação de móveis e objetos. Indicações: Bases para instalação: Contrapiso nivelado e acabado, conforme NBR 78-:009 Não indicada para: Áreas externas Áreas úmidas: piscinas e saunas Composição: Placas de gesso (ST, RF, RU) - ver página 0, 0 e 0. Montantes e Guias - ver página 69 e 70 Parafusos - ver página 8 Banda acústica - ver página 9 Placoglass - ver página 9 0

12 Placostil - Wall Paredes Clássicas Esquema de Montagem Fixar as guias inferior e superior a cada 600mm, no máximo e no término da peça manter distância máxima de 00mm. Os elementos de fixação podem ser pinos de aço, buchas, etc. As guias não devem ser sobrepostas e o encontro deve ser sempre de topo. Fixar os montantes de partida nas paredes laterais ou pilares com espaçamento máximo de 600mm. As placas são encostadas no teto com folga de 0mm na parte inferior. As placas são dispostas de modo que as juntas de um lado sejam alternadas com as juntas do outro lado. No caso de paredes com placas duplas, a segunda camada é defasada da primeira. A junção entre as placas é feita sempre sobre um montante. Parafusar as placas nos montantes e guia superior e inferior, com máximo de 00mm de espaço entre parafusos e no mínimo a 0mm da borda da placa. Com montantes duplos, parafusar alternadamente sobre cada montante. Para áreas úmidas, como banheiros, cozinhas e áreas de serviço, recomenda-se o uso de placas RU - resistentes à umidade, com tratamento de impermeabilização na base da parede. Obs.: Sempre que utilizar placas do tipo RU, o espaçamento dos montantes deve ser de no máximo 00mm. Os pontos de utilização e passagem de tubos devem ser vedados com selante (tipo silicone com antifungo) flexível e apropriados. 0

13 Pontos Singulares Montantes: Sistema de montagem Paredes Montante Guia Montagem simples Montagem dupla em H Montagem dupla em tubo Detalhes Técnicos Placa Placo ST Montante Placo Guia Placo Massa Map Alvenaria Encontro de drywall com alvenaria

14 Placostil - Wall Paredes Clássicas Placa Placo ST Montante Placo Placoglass 0 6

15 Placa Placo ST Montante Placo Placoglass Paredes Placa Placo ST Montante Placo Batente Taco de madeira (seca e tratada) 00mm 00mm Quantidades Estimadas de Materiais por m² de Parede Placostil Produtos Unid. Placa simples Espaçamento entre montantes Placa dupla 00mm 600mm 00mm 600mm Simples Duplo Simples Duplo Simples Duplo Simples Duplo Placa Placo (largura.00mm) m,0,0,0,0,0,0,0,0 Guia (R8 / R70 / R90) m 0,90 0,90 0,90 0,90 0,90 0,90 0,90 0,90 Montante (M8 / M70 / M90) m,0,60,0,0,0,60,0,0 Parafuso TTPC ou TTPC () pç Parafuso TTPC pç Parafuso TRPF pç Massa para tratamento de juntas Placomix () ou 0,9,88 k/m Placojoint PR () 0,70,0 Fita Placo de papel microperfurado m,80,80 Cantoneira perfurada () m variável variável Observações: () O comprimento do parafuso deve ser no mínimo 0mm maior que a espessura da placa utilizada. () Para proteção de canto externo. () No caso de placa dupla, considerar a aplicação de massa na camada interna das placas, ficando facultativa a utilização da fita de papel microperfurado nessa camada. Para a camada de placa externa, o tratamento de juntas é normal, ou seja, com utilização de massa e fita de papel microperfurado. As quantidades acima são estimadas, podendo haver variações em função da disposição das paredes, quantidade de vãos de porta, etc. Considera-se perda de %. 7

Gesso Acartonado CONCEITO

Gesso Acartonado CONCEITO CONCEITO As paredes de gesso acartonado ou Drywall, são destinados a dividir espaços internos de uma mesma unidade. O painel é composto por um miolo de gesso revestido por um cartão especial, usado na

Leia mais

Soluções que sustentam a qualidade do seu projeto

Soluções que sustentam a qualidade do seu projeto Knauf Folheto Técnico 2008 Paredes Knauf Soluções que sustentam a qualidade do seu projeto Estabilidade, resistência a impactos, proteção termoacústica e outras características inovadoras que não dividem

Leia mais

Placostil - Ceiling Forros

Placostil - Ceiling Forros 00 ÍNDICE Placostil - Ceiling Forros Especificação Etapas do Sistema de Forro. Especificação Critérios de escolha do sistema Conheça o uso do ambiente projetado Ambiente que necessita de tratamento acústico

Leia mais

Conceito AULA 4. Escola Politécnica Universidade Federal da Bahia Tecnologia da Construção Civil

Conceito AULA 4. Escola Politécnica Universidade Federal da Bahia Tecnologia da Construção Civil Escola Politécnica Universidade Federal da Bahia Tecnologia da Construção Civil AULA 4 Gesso Acartonado Prof. Dr. Luiz Sergio Franco Escola Politécnica da USP Dep. de Engenharia de Construção Civil Construção

Leia mais

COMPONENTES. Chapa de gesso: 3 tipos

COMPONENTES. Chapa de gesso: 3 tipos Paredes internas Estrutura leve GESSO ACARTONADO Fixado em perfis de chapa de aço galvanizado (esqueleto de guias e montantes) Parede: chapas de gesso em uma ou mais camadas Superfície pronta para o acabamento

Leia mais

Sistemas Placostil. Manual de especificação e instalação

Sistemas Placostil. Manual de especificação e instalação Sistemas Placostil Manual de especificação e instalação Edição Atualizada FEV/2013 Sistemas Placostil A forma inteligente de construir ou reformar em drywall. Os Sistemas Placostil são técnicas construtivas

Leia mais

Sistema de Paredes Trevo Drywall

Sistema de Paredes Trevo Drywall Nome da Empresa DADOS DO FABRICANTE Trevo Industrial de Acartonados S/A. Endereço Av.Josias Inojosa de Oliveira 5000 - Distrito Industrial do Cariri Juazeiro do Norte - CE - CEP 63045-010 Tel/Fax (88)

Leia mais

Construção de Edícula

Construção de Edícula Guia para Construção de Edícula Guia do montador Mais resistência e conforto para sua vida. As paredes com Placas Cimentícias Impermeabilizadas e Perfis Estruturais de Aço Galvanizado para steel framing

Leia mais

! ESTÚDIO!DE!ARQUITETURA:!SUSTENTABILIDADE!AMBIENTAL!! FERNANDA MOURA !!!!!!!!!!!!!!! PESQUISA' DRYWALL' PORTAS' !!!!!!!!!!!! !!! ! 1!

! ESTÚDIO!DE!ARQUITETURA:!SUSTENTABILIDADE!AMBIENTAL!! FERNANDA MOURA !!!!!!!!!!!!!!! PESQUISA' DRYWALL' PORTAS' !!!!!!!!!!!! !!! ! 1! ! ESTÚDIO!DE!ARQUITETURA:!SUSTENTABILIDADE!AMBIENTAL!! FERNANDA MOURA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! PESQUISA'!!! DRYWALL' E'' PORTAS'! 1! !!! SUMÁRIO!!! PAREDES!DRYWALL! 1. 'FABRICANTE:'KNAUF 1. 1 PAREDE

Leia mais

Placostil - Ceiling Forros

Placostil - Ceiling Forros 100 Placostil - Ceiling Forros Índice da Atividade Placostil - Ceiling Forros Contínuos Lisos 113 Forros F530 114 Forros STUD 118 Forros FHP 122 Placostil - Ceiling Forros Contínuos Acústicos 125 Gyptone

Leia mais

Placostil - Ceiling Forros

Placostil - Ceiling Forros 00 índice Placostil - Ceiling Índice da Atividade Placostil - Ceiling 0 Conceito 0 Especificação 0 Placostil - Ceiling Contínuos Lisos F0 Orientações Gerais Indicações Quantidades Estimadas de Materiais

Leia mais

Knauf Folheto Técnico. Knauf Flexboard Porque a mente criativa gera mais que linhas retas.

Knauf Folheto Técnico. Knauf Flexboard Porque a mente criativa gera mais que linhas retas. Knauf Folheto Técnico 01 / 2015 Knauf Flexboard Porque a mente criativa gera mais que linhas retas. Knauf Flexboard Flexboard é a mais delgada chapa Knauf Drywall, desenvolvida especialmente para permitir

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BELO HORIZONTE-UNIBH DRYWALL. Miriã Aquino

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BELO HORIZONTE-UNIBH DRYWALL. Miriã Aquino CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BELO HORIZONTE-UNIBH DRYWALL Miriã Aquino Belo Horizonte 2014 1 SUMÁRIO: APLICAÇÕES... 3 Paredes:... 3 Separação de Ambientes internos... 4 Isolamento Acústico Superior... 8 Isolamento

Leia mais

SUPORTE TÉCNICO SOBRE LIGHT STEEL FRAME

SUPORTE TÉCNICO SOBRE LIGHT STEEL FRAME Sistema de ds A SOLUÇÃO INTELIGENTE PARA A SUA OBRA SUPORTE TÉCNICO SOBRE LIGHT STEEL FRAME www.placlux.com.br VOCÊ CONHECE O SISTEMA CONSTRUTIVO LIGHT STEEL FRAME? VANTAGENS LIGHT STEEL FRAME MENOR CARGA

Leia mais

Materiais de Construção Civil. Aula 07. Gesso para Construção Civil

Materiais de Construção Civil. Aula 07. Gesso para Construção Civil Materiais de Construção Civil Aula 07 Gesso para Construção Civil Taciana Nunes Arquiteta e Urbanista Gesso para Construção Civil O gesso é um mineral aglomerante produzido a partir da calcinação da gipsita,

Leia mais

Construção e montagem

Construção e montagem Construção e montagem Paredes com estrutura metálica W11 Construção A paredes consistem de uma estrutura metálica revestida com uma mais s de gesso, aparafusadas de ambos os lados. A estrutura metálica

Leia mais

Sistema de Forros Trevo Drywall

Sistema de Forros Trevo Drywall Nome da Empresa Endereço Tel/Fax (88) 3571-6019 Site E-mail DADOS DO FABRICANTE Trevo Industrial de Acartonados S/A. Av.Josias Inojosa de Oliveira 5000 - Distrito Industrial do Cariri Juazeiro do Norte

Leia mais

SISTEMA DRY WALL E STEEL FRAME

SISTEMA DRY WALL E STEEL FRAME GESSO SISTEMA DRY WALL E STEEL FRAME Gesso O gesso é uma substância, normalmente vendida na forma de um pó branco, produzida a partir do mineral gipsita, composto basicamente de sulfato de cálcio hidratado.

Leia mais

Knauf Folheto Técnico 06/2011

Knauf Folheto Técnico 06/2011 Knauf Folheto Técnico 06/2011 Tetos e Forros Removíveis Knauf Soluções à altura de sua criatividade Acabamento impecável, facilidade de uso e rapidez de instalação que elevam a qualidade e o conforto dos

Leia mais

ANEXO 01. Figura 1 - Planta da área a ser trabalhada. DW indica os locais a serem trabalhados com drywall.

ANEXO 01. Figura 1 - Planta da área a ser trabalhada. DW indica os locais a serem trabalhados com drywall. ANEXO 01 Sala MEV DW DW B B Figura 1 - Planta da área a ser trabalhada. DW indica os locais a serem trabalhados com drywall. 1 Figura 2 Detalhes das portas em drywall. A porta P11, destinada a acesso à

Leia mais

Knauf Safeboard Sistemas de proteção radiológica 0% chumbo. 100% segurança

Knauf Safeboard Sistemas de proteção radiológica 0% chumbo. 100% segurança KNAUF SAFEBOARD HOMOLOGADO IRD-CNEN Nº 140312 Knauf Folheto Técnico 08 / 2014 Knauf Sistemas de proteção radiológica 0% chumbo. 100% segurança Estabilidade e blindagem de ambientes submetidos à radiação

Leia mais

Sistemas Placostil. Manual de especificação e instalação

Sistemas Placostil. Manual de especificação e instalação Sistemas Placostil Manual de especificação e instalação Sistemas Placostil Drywall: Soluções construtivas leves e de rápida A liderança de mercado conquistada pela Placo do Brasil conduz a empresa no compromisso

Leia mais

ESQUADRIAS Resumo da aula

ESQUADRIAS Resumo da aula ESQUADRIAS Resumo da aula Os vãos têm como funções a vedação e a comunicação dos ambientes internos e externos do edifício. Ambos necessitam de obras e serviços, executadas com materiais, segundo determinadas

Leia mais

IGDITCC Importância da Gestão, do Desempenho e da Inovação Tecnológica na Construção Civil. Subsistema vedação vertical

IGDITCC Importância da Gestão, do Desempenho e da Inovação Tecnológica na Construção Civil. Subsistema vedação vertical PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA CIVIL Universidade de Pernambuco Escola Politécnica de Pernambuco IGDITCC Importância da Gestão, do Desempenho e da Inovação Tecnológica na Construção Civil Aula

Leia mais

Principais funções de um revestimento de fachada: Estanqueidade Estética

Principais funções de um revestimento de fachada: Estanqueidade Estética REVESTIMENTO DE FACHADA Principais funções de um revestimento de fachada: Estanqueidade Estética Documentos de referência para a execução do serviço: Projeto arquitetônico Projeto de esquadrias NR 18 20

Leia mais

Nº 170768. www.ipt.br

Nº 170768. www.ipt.br COMUNICAÇÃO TÉCNICA Nº 170768 Patologia de paredes dry-wall: formas de prevenção Claudio Vicente Mitidiéri Filho Trabalho apresentado no Seminário Patologias Precoces de Obras: o Risco do Passivo Técnico

Leia mais

Chapa colada na alvenaria. Corte Vertical. Alvenaria-Pilar. Corte Horizontal - Revestimento do Pilar. Revestimento Knauf W611 Detalhes Técnicos 00-01

Chapa colada na alvenaria. Corte Vertical. Alvenaria-Pilar. Corte Horizontal - Revestimento do Pilar. Revestimento Knauf W611 Detalhes Técnicos 00-01 Revestimento Knauf W611 Detalhes Técnicos Corte Vertical Chapa colada na alvenaria Fita para juntas Alvenaria existente Massa Perlfix Chapa Knauf Massa Perlfix Chapa Knauf Chapa Knauf Massa Perlfix Corte

Leia mais

Crescendo com Você. Montagem de Sistemas

Crescendo com Você. Montagem de Sistemas Crescendo com Você Montagem de Sistemas Estocagem Armazene as chapas em local seco e abrigado. Transporte as chapas de duas em duas. Transporte as chapas na posição vertical. Os calços devem ter 5 cm de

Leia mais

Placa Cimentícia. Impermeabilizada GUIA DO MONTADOR

Placa Cimentícia. Impermeabilizada GUIA DO MONTADOR Placa Cimentícia Impermeabilizada GUIA DO MONTADOR Placa Cimentícia Impermeabilizada RECOMENDAÇÃO INICIAL civil para o dimensionamento de qualquer tipo de reforma ou construção, principalmente aquelas

Leia mais

Acessórios para Drywall

Acessórios para Drywall Acessórios para Drywall 1 Painéis de Gesso Sheetrock UltraLight Inovação Até 30% mais leve que as chapas disponíveis no mercado; Combina formulações existentes e processos com novas tecnologias patenteadas.

Leia mais

ANEXO I ESPECIFICAÇÕES DO OBJETO

ANEXO I ESPECIFICAÇÕES DO OBJETO ANEXO I ESPECIFICAÇÕES DO OBJETO Item Código comprasnet Qtde Mínima Qtde Máxima Unidade Descrição do Item Valor Unitário Valor mínimo Valor Máximo 01 295318 450,00 860,00 m² Paredes em gesso acartonado

Leia mais

Knauf Safeboard Sistemas de proteção radiológica 0% chumbo. 100% segurança.

Knauf Safeboard Sistemas de proteção radiológica 0% chumbo. 100% segurança. Knauf Safeboard Sistemas de proteção radiológica 0% chumbo. 100% segurança. Estabilidade, resistência a Raio X, facilidade de controle e manutenção, peso reduzido e características inovadoras. Descrição

Leia mais

CATÁLOGO PERFIS PERFIL DRYWALL PERFIL STEEL FRAME PERFIL DIVISÓRIA NAVAL 35 MM PERFIL PAINEL WALL TOPCLICK PERFIL CLICADO PERFIS ESPECIAIS

CATÁLOGO PERFIS PERFIL DRYWALL PERFIL STEEL FRAME PERFIL DIVISÓRIA NAVAL 35 MM PERFIL PAINEL WALL TOPCLICK PERFIL CLICADO PERFIS ESPECIAIS CATÁLOGO PERFIS PERFIL DRYWALL PERFIL STEEL FRAME PERFIL DIVISÓRIA NAVAL 35 MM PERFIL PAINEL WALL TOPCLICK PERFIL CLICADO PERFIS ESPECIAIS KIT HIDRÁULICO PORTA EMBUTIDA FORRO PVC ACESSÓRIOS 30 GUIA DE

Leia mais

CENTRO UNIVERSITARIO DE BELO HORIZONTE

CENTRO UNIVERSITARIO DE BELO HORIZONTE CENTRO UNIVERSITARIO DE BELO HORIZONTE Estúdio de Arquitetura: Sustentabilidade Steel Framing Aluna: Gabriela Carvalho Ávila Maio de 2014 ÍNDICE 1 Introdução... 4 2 Sistema Ligth Steel Framing... 5 2.1

Leia mais

Manual de Projeto de Sistemas Drywall paredes, forros e revestimentos

Manual de Projeto de Sistemas Drywall paredes, forros e revestimentos Manual de Projeto de Sistemas Drywall paredes, forros e revestimentos 1 Prefácio Este é o primeiro manual de projeto de sistemas drywall publicado no Brasil um trabalho aguardado por arquitetos, engenheiros,

Leia mais

Construção Civil Linha PVC

Construção Civil Linha PVC Construção Civil Linha PVC Correr Abertura de 2 a 6 folhas que se movimentam mediante deslizamento horizontal. De fácil manuseio, podendo ser utilizada com persiana e tela mosquiteira. Permite ventilação

Leia mais

Casas com paredes de concreto Reportagem: Jamila Venturini

Casas com paredes de concreto Reportagem: Jamila Venturini Casas com paredes de concreto Reportagem: Jamila Venturini O sistema de construção com paredes de concreto moldadas in loco permite executar com agilidade e economia obras de grande escala como condomínios,

Leia mais

http://www.revistatechne.com.br/engenharia-civil/100/imprime31592.asp

http://www.revistatechne.com.br/engenharia-civil/100/imprime31592.asp 1 de 11 01/11/2010 22:14 Juntas em drywall O termo drywall é aqui adotado para designar genericamente sistemas construtivos de paredes internas não-estruturais constituídas de chapas de gesso acartonado

Leia mais

Drywall Placo, infinitas possibilidades

Drywall Placo, infinitas possibilidades Drywall Placo, infinitas possibilidades Manual do morador Características do drywall O que é drywall?... 5 Drywall oferece mais economia que a parede de alvenaria?... 5 É fácil personalizar um ambiente

Leia mais

ALVENARIA E OUTROS SISTEMAS DE VEDAÇÃO. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I

ALVENARIA E OUTROS SISTEMAS DE VEDAÇÃO. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I ALVENARIA E OUTROS SISTEMAS DE VEDAÇÃO Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I SISTEMAS DE VEDAÇÃO VERTICAL SISTEMA DE VEDAÇÃO Um subsistema

Leia mais

REVESTIMENTO DEFACHADA. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I

REVESTIMENTO DEFACHADA. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I REVESTIMENTO DEFACHADA Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 7º Período Turma A01 Disc. Construção Civil I FUNÇÕES DO REVESTIMENTO DE FACHADA Estanqueida de Estética CONDIÇÕES DE INÍCIO

Leia mais

Manual de Montagem. Construções industrializadas com Placa Cimentícia e Painel Masterboard.

Manual de Montagem. Construções industrializadas com Placa Cimentícia e Painel Masterboard. Manual de Montagem Construções industrializadas com Placa Cimentícia e Painel Masterboard. Armazenamento As placas e painéis devem ser estocados em um local seco e abrigado, seguindo estas instruções:

Leia mais

Divisão Construção Civil PUR/PIR Av. Nações Unidas, 12551 conj. 2404 - WTC 04578-903 São Paulo - SP - Brasil Fone: +55 11 3043-7883 Fax: +55 11

Divisão Construção Civil PUR/PIR Av. Nações Unidas, 12551 conj. 2404 - WTC 04578-903 São Paulo - SP - Brasil Fone: +55 11 3043-7883 Fax: +55 11 1 Por que usar termoisolamento em PUR/PIR? 2 Soluções para canteiro de obra Danica. 3 Premissas construtivas 2.2.2 - COBERTURAS: A cobertura terá telhas termoisolantes com espessura de 30 mm com isolamento

Leia mais

Sistema de Fachada Knauf Aquapanel. Fachadas Knauf Aquapanel 10 / 2015

Sistema de Fachada Knauf Aquapanel. Fachadas Knauf Aquapanel 10 / 2015 DW Logistcs - Curitiba / PR Projeto Arquitetônico: Logi Arquitetura Construtora: Project Construções Instalação: Bassani Fachadas Knauf Aquapanel 10 / 2015 Sistema de Fachada Knauf Aquapanel Allianz Arena

Leia mais

Adaptam-se a todas as necessidades.

Adaptam-se a todas as necessidades. Knauf Folheto Técnico 03/2014 Tampas de Inspeção Knauf Adaptam-se a todas as necessidades. As Tampas de Inspeção Knauf são de simples manuseio, facilitando o acesso à instalações internas de paredes, tetos

Leia mais

FORRO DE GESSO. Integrantes: Diogo Godinho Barroso nº Luisa Jorge Garcia nº 104326 Marcella Silva Albino nº 083891. Santos / SP

FORRO DE GESSO. Integrantes: Diogo Godinho Barroso nº Luisa Jorge Garcia nº 104326 Marcella Silva Albino nº 083891. Santos / SP FORRO DE GESSO Integrantes: Diogo Godinho Barroso nº Luisa Jorge Garcia nº 104326 Marcella Silva Albino nº 083891 Santos / SP Forro de Gesso Sistema Gypsum Drywall Base na Norma ABNT NBR 15758 partes 1,

Leia mais

Wood Frame CONCEITO. O Wood-Frame é um sistema composta por perfis de madeira que em conjunto com placas estruturais formam painéis

Wood Frame CONCEITO. O Wood-Frame é um sistema composta por perfis de madeira que em conjunto com placas estruturais formam painéis CONCEITO O Wood-Frame é um sistema composta por perfis de madeira que em conjunto com placas estruturais formam painéis estruturais capazes de resistir às cargas verticais (telhados e pavimentos), perpendiculares

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO

MANUAL DE INSTALAÇÃO MANUAL DE INSTALAÇÃO PLACAS DECORADAS - PROCESSO DE COLAGEM O produto deve ser aplicado sobre alvenaria, gesso ou madeira. A superfície deve estar lisa, completamente seca, sólida e forte o suficiente

Leia mais

ESQUADRIAS MÉTODO EXECUTIVO. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 8º Período Turmas C01, C02 e C03 Disc. Construção Civil II

ESQUADRIAS MÉTODO EXECUTIVO. Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 8º Período Turmas C01, C02 e C03 Disc. Construção Civil II E ESQUADRIAS MÉTODO EXECUTIVO Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 8º Período Turmas C01, C02 e C03 Disc. Construção Civil II MÉTODO EXECUTIVO Cuidados no Recebimento Formas de Instalação

Leia mais

Sistemas Placostil Manual de especificação e instalação

Sistemas Placostil Manual de especificação e instalação Sistemas Placostil Manual de especificação e instalação Grupo Saint-Gobain Placo do Brasil é uma empresa dos grupos Saint-Gobain, da França, e Matte, do Chile. Saint-Gobain é líder mundial nos diversos

Leia mais

ORIENTAÇÕES DE INSTALAÇÃO PARA TELHAS SHINGLE

ORIENTAÇÕES DE INSTALAÇÃO PARA TELHAS SHINGLE ORIENTAÇÕES DE INSTALAÇÃO PARA TELHAS SHINGLE 1 ÍNDICE 1 ESTRUTURA DE SUPORTE... 3 2 INSTALAÇÃO DOS PAINÉIS (CHAPAS)... 4 3 VENTILAÇÃO DO TELHADO... 5 4 INSTALAÇÃO DA SUBCOBERTURA... 7 5 INSTALAÇÃO DOS

Leia mais

Drywall Placo, infinitas possibilidades

Drywall Placo, infinitas possibilidades Drywall Placo, infinitas possibilidades Manual do morador Características do drywall O que é drywall?... 5 Drywall oferece mais economia que a parede de alvenaria?... 5 É fácil personalizar um ambiente

Leia mais

Forros e Paredes Placo O drywall na sua melhor forma!

Forros e Paredes Placo O drywall na sua melhor forma! Grupo Saint-Gobain A Placo do Brasil é uma empresa dos grupos Saint-Gobain, da França, e Matte, do Chile. A Saint-Gobain é líder mundial nos diversos ramos de atividade em que atua, presente em mais de

Leia mais

Belo Horizonte - MG Interface com Outros Subsistemas

Belo Horizonte - MG Interface com Outros Subsistemas Belo Horizonte - MG Interface com Outros Subsistemas 10/11/2009 Carlos Chaves LOG Gestão de Obras Subsistemas Deus está nos detalhes Mies van der Rohe (1886-1969) Pavilhão alemão na Feira Mundial de Barcelona

Leia mais

Casa de steel frame - instalações (parte 4)

Casa de steel frame - instalações (parte 4) Página 1 de 6 Casa de steel frame - instalações (parte 4) As instalações elétricas e hidráulicas para edificações com sistema construtivo steel frame são as mesmas utilizadas em edificações convencionais

Leia mais

A cobertura pode ser feita com telhas que podem ser metálicas, de barro ou ainda telhas asfálticas tipo shingle.

A cobertura pode ser feita com telhas que podem ser metálicas, de barro ou ainda telhas asfálticas tipo shingle. CONCEITO Light (LSF estrutura em aço leve) é um sistema construtivo racional e industrial. Seus principais componentes são perfis de aço galvanizado dobrados a frio, utilizados para formar painéis estruturais

Leia mais

Internacional SOLUTIONS

Internacional SOLUTIONS Internacional SOLUTIONS SILICONE NEUTRO Silicone neutro Impermeabilizante de uso profissional. Inodoro e com fungicida. ADERE EM: Madeira, concreto, tijolo, vidro, PVC, plástico, alumínio, etc. APLICAÇÃO:

Leia mais

PADRONIZAÇÃO DE PAINÉIS EM LIGHT STEEL FRAME

PADRONIZAÇÃO DE PAINÉIS EM LIGHT STEEL FRAME PADRONIZAÇÃO DE PAINÉIS EM LIGHT STEEL FRAME ANITA OLIVEIRA LACERDA - anitalic@terra.com.br PEDRO AUGUSTO CESAR DE OLIVEIRA SÁ - pedrosa@npd.ufes.br 1. INTRODUÇÃO O Light Steel Frame (LSF) é um sistema

Leia mais

PLACOSTIL - Acabamentos

PLACOSTIL - Acabamentos 01 142 PLACOSTIL - Acabamentos Índice da Atividade Massas e Fitas 144 Tratamento ou Execução de Juntas 144 Fitas de Acabamento 144 Massas 145 Tipos de Juntas 146 145 Orientações Gerais 146 Juntas Níveis

Leia mais

MATERIAIS BÁSICOS PARA INSTALAÇÕES ELÉTRICAS

MATERIAIS BÁSICOS PARA INSTALAÇÕES ELÉTRICAS IFSC- JOINVILLE SANTA CATARINA DISCIPLINA DESENHO TÉCNICO CURSO ELETRO-ELETRÔNICA MATERIAIS BÁSICOS PARA INSTALAÇÕES ELÉTRICAS 2011.2 Prof. Roberto Sales. MATERIAIS BÁSICOS PARA INSTALAÇÕES ELÉTRICAS A

Leia mais

Guia de Reformas COM PLACA CIMENTÍCIA IMPERMEABILIZADA E MASTERBOARD

Guia de Reformas COM PLACA CIMENTÍCIA IMPERMEABILIZADA E MASTERBOARD Guia de Reformas COM PLACA CIMENTÍCIA IMPERMEABILIZADA E MASTERBOARD Armazenamento As placas e painéis devem ser estocados em lugar seco e abrigado, seguindo estas instruções: Estoque em piso plano, na

Leia mais

Descrições Técnicas (Armários)

Descrições Técnicas (Armários) Produtos Metálicos e Equipamentos, Lda (Grupo Levira) Descrições Técnicas (Armários) Armários de Parede O sistema de armários proposto consiste na execução de armários modulares, totalmente desmontáveis,

Leia mais

Chapas de gesso acartonado

Chapas de gesso acartonado VERDE INOVAÇÃO CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL Chapas de gesso acartonado Ideal para paredes, forros, revestimentos e mobiliário fixo. Panel Rey é um Sistema com mais de 25 Anos de Experiência As chapas de gesso

Leia mais

Steel frame - fechamento (parte 3)

Steel frame - fechamento (parte 3) Página 1 de 6 Steel frame - fechamento (parte 3) Hotel Villa Rossa, fechamento em steel frame No segundo artigo desta série sobre steel frame, abordamos a estrutura da edificação. Nela são aplicadas as

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA maio/2006 1 de 5 VIDROS DIRETORIA DE ENGENHARIA. Edificações. Vidros. PR 010979/18/DE/2006 ET-DE-K00/015

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA maio/2006 1 de 5 VIDROS DIRETORIA DE ENGENHARIA. Edificações. Vidros. PR 010979/18/DE/2006 ET-DE-K00/015 ESPECIFICÇÃO TÉCNIC maio/2006 1 de 5 TÍTULO VIDROS ÓRGÃO DIRETORI DE ENGENHRI PLVRS-CHVE Edificações. Vidros. PROVÇÃO PROCESSO PR 010979/18/DE/2006 DOCUMENTOS DE REFERÊNCI SEP Secretaria de Estado da dministração

Leia mais

Avaliações Técnicas ITA reconhecida pelo PBQP-H

Avaliações Técnicas ITA reconhecida pelo PBQP-H PBQP-H INMETRO Programas Setoriais da Qualidade EGT credenciada pelo PBQP-H e acreditada pelo INMETRO Avaliações Técnicas ITA reconhecida pelo PBQP-H Mais de 250 ensaios acreditados pelo INMETRO SINAT

Leia mais

ESTRUTURA L va v ntando o s s pain i éis i s que c ontém

ESTRUTURA L va v ntando o s s pain i éis i s que c ontém O PVC E O SISTEMA ROYAL É leve (1,4 g/cm3), o que facilita seu manuseio e aplicação; Resistente à ação de fungos, bactérias, insetos e roedores; Resistente à maioria dos reagentes químicos; Bom isolante

Leia mais

Catálogo de Produtos

Catálogo de Produtos Catálogo de Produtos Gesso Convenciona O gesso é um material versátil: ele auxilia nas tarefas de embutir a iluminação, esconder ferragens e disfarçar vigas, além de criar efeitos fantásticos, especialmente

Leia mais

Para melhorar o conforto acústico das edificações é essencial realizar estudos de avaliação prévia e utilizar produtos submetidos a ensaios

Para melhorar o conforto acústico das edificações é essencial realizar estudos de avaliação prévia e utilizar produtos submetidos a ensaios Esquadrias anti-ruídos Para melhorar o conforto acústico das edificações é essencial realizar estudos de avaliação prévia e utilizar produtos submetidos a ensaios Laboratório de acústica da Divisão de

Leia mais

Nº2 JUNHO 2002 PAREDES DIVISÓRIAS DE PAINÉIS LEVES

Nº2 JUNHO 2002 PAREDES DIVISÓRIAS DE PAINÉIS LEVES Nº2 JUNHO 2002 PAREDES DIVISÓRIAS DE PAINÉIS LEVES Catarina Aguiar Bentes A monografia apresentada foi realizada no âmbito da cadeira de Tecnologias da Construção de Edifícios do 11º Mestrado em Construção

Leia mais

Os revestimentos de parede Decopainel são fabricados com tecnologia de última geração para deixar o seu ambiente com a elegância e beleza que você

Os revestimentos de parede Decopainel são fabricados com tecnologia de última geração para deixar o seu ambiente com a elegância e beleza que você Catálogo Virtual 2 Os revestimentos de parede Decopainel são fabricados com tecnologia de última geração para deixar o seu ambiente com a elegância e beleza que você sempre desejou. São duas linhas de

Leia mais

APÊNDICE "D" Descrição Técnica dos Pequenos Serviços de

APÊNDICE D Descrição Técnica dos Pequenos Serviços de APÊNDICE "D" Descrição Técnica dos Pequenos Serviços de A INTRODUÇÃO Neste apêndice estão discriminados os Serviços de Adequação (PSA) de menor complexidade para atendimento da dinâmica funcional da ECT,

Leia mais

Estantes para picking

Estantes para picking M7 Estantes para picking Sistema de armazenagem de produtos para picking manual que segue o princípio homem a produto. Principais vantagens: - Possibilidade de armazenar produtos de carga média e grande.

Leia mais

Chapas Drywall Panel Rey. 0800-644 4645 www.tecpanel.com. Ideal para paredes, forros, revestimentos e mobiliários integrados. Resistente à umidade

Chapas Drywall Panel Rey. 0800-644 4645 www.tecpanel.com. Ideal para paredes, forros, revestimentos e mobiliários integrados. Resistente à umidade Chapas Drywall Panel Rey Ideal para paredes, forros, revestimentos e mobiliários integrados. As chapas de gesso acartonado Panel Rey apresentam a face com uma superfície lisa, adequada para todos os tipo

Leia mais

Orientações para Instalação do SISTEMA C da AMF

Orientações para Instalação do SISTEMA C da AMF Orientações para Instalação do SISTEMA C da AMF O SISTEMA C é o tipo de sistema estrutural para forros removíveis mais utilizado no mundo, combinando rapidez e simplicidade na instalação com preço econômico.

Leia mais

Feita de isopor Construir 370 m2 em seis meses sem estourar o orçamento nem gerar entulho: valeu investir na casa

Feita de isopor Construir 370 m2 em seis meses sem estourar o orçamento nem gerar entulho: valeu investir na casa Feita de isopor Construir 370 m2 em seis meses sem estourar o orçamento nem gerar entulho: valeu investir na casa Será que é resistente? Aceita qualquer revestimento? E se molhar? Esse mar de dúvidas invade

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO

MANUAL DE INSTALAÇÃO MANUAL DE INSTALAÇÃO O manual tem como objetivo auxiliar e responder algumas perguntas sobre o processo de instalação, conservação e limpeza das placas Decopainel. Aplica-se para todas as linhas (placas,

Leia mais

MEMORIAL DE CÁLCULO E MATERIAIS PROJETO DE ACÚSTICA ARQUITETÔNICA TCE/AC ARQ. DAVID QUEIROZ DE SANT ANA CREA PR-82206/D

MEMORIAL DE CÁLCULO E MATERIAIS PROJETO DE ACÚSTICA ARQUITETÔNICA TCE/AC ARQ. DAVID QUEIROZ DE SANT ANA CREA PR-82206/D MEMORIAL DE CÁLCULO E MATERIAIS PROJETO DE ACÚSTICA ARQUITETÔNICA TCE/AC ARQ. DAVID QUEIROZ DE SANT ANA CREA PR-82206/D CURITIBA 2012 1. INTRODUÇÃO Este memorial de cálculo e materiais foi elaborado para

Leia mais

Esquadrias Metálicas Ltda. Manual de instruções.

Esquadrias Metálicas Ltda. Manual de instruções. Manual de instruções. PORTA DE ABRIR A Atimaky utiliza, na fabricação das janelas, aço galvanizado adquirido diretamente da Usina com tratamento de superfície de ultima geração nanotecnologia (Oxsilan)

Leia mais

Soluções de Alto Desempenho para Construção PRODUTO MULTIUSO PARA OBRAS ECONÔMICAS

Soluções de Alto Desempenho para Construção PRODUTO MULTIUSO PARA OBRAS ECONÔMICAS Soluções de Alto Desempenho para Construção PRODUTO MULTIUSO PARA OBRAS ECONÔMICAS + + desempenho por m² AMP ARGAMASSA MODIFICADA COM POLÍMERO ( + ) MEMBRANA POLIMÉRICA O BAUCRYL ECOVEDA é um polímero

Leia mais

Entidade Setorial Nacional Mantenedora

Entidade Setorial Nacional Mantenedora Entidade Setorial Nacional Mantenedora Associação Brasileira dos Fabricantes de Chapas para Drywall Rua Julio Diniz, 56 cj. 41 V. Olímpia CEP 04547-090 São Paulo SP Tel./Fax: (11) 3842-2433 http://www.drywall.org.br

Leia mais

Colunas com painéis. Colunas com vidros. Colunas de tecidos. Colunas Slim

Colunas com painéis. Colunas com vidros. Colunas de tecidos. Colunas Slim Boletim Técnico Colunas com painéis Chapas únicas ou duplas, de 15 mm, de saque frontal em MDP ou MDF com revestimento melaminico. Opcionais: disponíveis em diversos tipos de chapas e acabamentos do mercado.

Leia mais

Com relação à industrialização e à racionalização das construções, julgue o item subsecutivo.

Com relação à industrialização e à racionalização das construções, julgue o item subsecutivo. Com relação à industrialização e à racionalização das construções, julgue o item subsecutivo. 85.(STM/CESPE/2011) A taipa de mão é, tradicionalmente, fabricada por meio de processos artesanais ou com forte

Leia mais

BARGOA. Conjunto de Emenda Aérea Selada Vertical - CEASV

BARGOA. Conjunto de Emenda Aérea Selada Vertical - CEASV O CEASV consiste de um conjunto para a acomodação e proteção de emendas de cabos de rede externa de telefonia, em montagem de topo, para instalações aéreas. Trata-se de um sistema versátil, de fácil instalação

Leia mais

REVESTIMENTO DE GRANITO COM INSERTS METÁLICOS

REVESTIMENTO DE GRANITO COM INSERTS METÁLICOS UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS ESCOLA DE ENGENHARIA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA DE MATERIAIS E CONSTRUÇÃO ESPECIALIZAÇÃO EM CONSTRUÇÃO CIVIL REVESTIMENTO DE GRANITO COM INSERTS METÁLICOS MÔNICA DANTAS

Leia mais

RESISTÊNCIA MECÂNICA E FIXAÇÃO DE OBJETOS EM PAREDES DRYWALL

RESISTÊNCIA MECÂNICA E FIXAÇÃO DE OBJETOS EM PAREDES DRYWALL Rua Julio Diniz, 56 cj. 41 Vila Olímpia CEP 04547-090 São Paulo, SP Tel. 55 (11) 3842-2433 www.drywall.org.br RESISTÊNCIA MECÂNICA E FIXAÇÃO DE OBJETOS EM PAREDES DRYWALL Índice Resistência mecânica e

Leia mais

Adesivo Stop Pregos. Adesivo MS Ultra Express. Excelente aderência em diversos tipos de material base.

Adesivo Stop Pregos. Adesivo MS Ultra Express. Excelente aderência em diversos tipos de material base. Produtos Químicos Líder de mercado na maioria dos países europeus; O mais alto nível de atendimento ao cliente do segmento industrial; Excelente imagem da marca: 92% dos engenheiros de estruturas e arquitetos

Leia mais

Método construtivo com CLT : Recomendações construtivas e de acabamentos. Autor: Alexandre Lopes Veneziano Studio Veneziano

Método construtivo com CLT : Recomendações construtivas e de acabamentos. Autor: Alexandre Lopes Veneziano Studio Veneziano Método construtivo com CLT : Recomendações construtivas e de acabamentos. Autor: Alexandre Lopes Veneziano Studio Veneziano Motivação Esqueça o que você já ouviu falar sobre casa de madeira, isto aqui

Leia mais

GUIA TÉCNICO DE MONTAGEM

GUIA TÉCNICO DE MONTAGEM TELHAS DE FIBROCIMENTO FIBROTEX - ONDINA - ONDINA PLUS - ONDULADA - COLONIAL ONDA 50 - MAXIPLAC - KALHETA - KALHETA 49 - KALHETÃO 90 GUIA TÉCNICO DE MONTAGEM Indispensável para a montagem correta do telhado.

Leia mais

COMUNICAÇÃO TÉCNICA Nº 171527. O que é preciso fazer para que as fachadas e paredes internas atendam aos requisitos de desempenho da NBR 15.575-4?

COMUNICAÇÃO TÉCNICA Nº 171527. O que é preciso fazer para que as fachadas e paredes internas atendam aos requisitos de desempenho da NBR 15.575-4? COMUNICAÇÃO TÉCNICA Nº 171527 O que é preciso fazer para que as fachadas e paredes internas atendam aos requisitos de desempenho da NBR 15.575-4? Luciana Alves de Oliveira Slides da Palestra apresentada

Leia mais

TSA/TDA DIFUSOR PARA LUMINÁRIA TROFFER

TSA/TDA DIFUSOR PARA LUMINÁRIA TROFFER TSA/TDA DIFUSOR PARA LUMINÁRIA TROFFER TSA/TODA DIFUSORES PARA LUMINÁRIAS O conjunto de difusão de ar completamente embutido, contribui para um visual leve e sem distorções. Sua flexibilidade própria,

Leia mais

Painéis Masterboard 36. APRESENTAÇÃO 37. INTRODUÇÃO 38. CARACTERÍSTICAS DO MASTERBOARD

Painéis Masterboard 36. APRESENTAÇÃO 37. INTRODUÇÃO 38. CARACTERÍSTICAS DO MASTERBOARD Painéis Masterboard Painéis Masterboard 36. APRESENTAÇÃO A nova linha de painéis Masterboard Brasilit é a combinação entre miolo de madeira, revestido nas duas faces por Placas Cimentícias Brasilit, sem

Leia mais

RESISTÊNCIA MECÂNICA E FIXAÇÃO DE OBJETOS EM PAREDES DRYWALL

RESISTÊNCIA MECÂNICA E FIXAÇÃO DE OBJETOS EM PAREDES DRYWALL Manual de Fixação - 23-10-2014:Layout 1 26/11/14 17:06 Page 1 RESISTÊNCIA MECÂNICA E FIXAÇÃO DE OBJETOS EM PAREDES DRYWALL Rua Julio Diniz, 56 cj. 41 Vila Olímpia CEP 04547-090 São Paulo, SP Tel. 55 (11)

Leia mais

Linha Embutida a tid u b m a E h Lin

Linha Embutida a tid u b m a E h Lin Dutos de Piso... 27 Modelos... 27 Caixas de passagem... 31 Caixas de tomada... 35 Derivações... 39 Tomadas de piso - Latão/Cromado/Nylon... 42 Espelho para pisos... 43 Caixa de alumínio... 44 Distribuição

Leia mais

CO C MP M ONEN E TES E D A D TEL E A ele l ment n o t s de d f i f x i a x çã ç o voltar para o índice

CO C MP M ONEN E TES E D A D TEL E A ele l ment n o t s de d f i f x i a x çã ç o voltar para o índice FERRAMENTAS NECESSÁRIAS Instalação COMPONENTES DA TELA Montagem Instalação elementos de fixação perfil acessórios GUIA DE MONTAGEM Guia da tela correr AJUSTE DA TELA MONTAGEM DA TELA corte dos perfis usinagem

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS MINISTÉRIO DA DEFESA EXÉRCITO BRASILEIRO COMANDO LOGÍSTICO DIRETORIA DE ABASTECIMENTO ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS Item 01 CONTAINER DEPÓSITO TIPO A -20 pés Aquisição de container montado para utilização como

Leia mais

membrana impermeabilizante

membrana impermeabilizante 01 Descrição: votomassa é uma impermeável flexível e antifissura resistente a cargas, que dispensa o uso de telas, para aplicação em diversos substratos. 02 Classificação técnica: ANTES Hydro Ban votomassa

Leia mais

ISOLAMENTO ACÚSTICO DAS VEDAÇÕES VERTICAIS EXTERNAS. Como escolher a esquadria da sua obra e atender a NBR 15.575

ISOLAMENTO ACÚSTICO DAS VEDAÇÕES VERTICAIS EXTERNAS. Como escolher a esquadria da sua obra e atender a NBR 15.575 ISOLAMENTO ACÚSTICO DAS VEDAÇÕES VERTICAIS EXTERNAS Como escolher a esquadria da sua obra e atender a NBR 15.575 Em julho de 2013 entrou definitivamente em vigor a NBR 15.575, a norma de desempenho de

Leia mais

Desde 1982 no mercado, a Redes Paulista sistema Dry-Wall, Forros e Divisórias comercializa e instala todos os tipos de divisórias.

Desde 1982 no mercado, a Redes Paulista sistema Dry-Wall, Forros e Divisórias comercializa e instala todos os tipos de divisórias. Somos pioneiros no segmento de Dry Wall, divisórias, forros, biombos, redes de proteção, construção, reformas, entre outros, desde 1982 e oferecemos a nossos clientes garantia, procedência e profissionalismo.

Leia mais