C O M P O S I Ç Ã O D E C U S T O S B Á S I C O S

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "C O M P O S I Ç Ã O D E C U S T O S B Á S I C O S"

Transcrição

1 CÓDIGO: A SERVIÇO: LIMPEZA CAMADA VEGETAL EM JAZIDA : m² OPERACIONAL E.0.02 TRATOR DE ESTEIRAS C/ LÂMINA CAT-D6M 1,00 1,00-191,09 16,74 191,09 DE - 191,09 P.5.01 ENCARREGADO DE TURMA 1,00 0,50 17,70 8,85 P.7.01 SERVENTE 1,00 2,00 9,09 18,18 ADICIONAL DE MÃO DE OBRA 15,51% 27,03 4,19 DE MÃO-DE-OBRA - 31,22 222,31 PRODUÇÃO DA EQUIPE 571,00 m²/h DE EXECUÇÃO 0,39 DE - - TIPO PISO DE TRANSPORTE - - DIRETO - 0,39

2 CÓDIGO: A SERVIÇO: EXPURGO DE JAZIDA C O M P O S I Ç Ã O D E C U S T O S B Á S I C O S : m³ E.0.02 TRATOR DE ESTEIRAS C/ LÂMINA CAT-D6M 1,00 1,00 - OPERACIONAL 191,09 16,74 191,09 DE - 191,09 P.5.01 ENCARREGADO DE TURMA 1,00 0,30 P.7.01 SERVENTE 1,00 2,00 17,70 5,31 9,09 18,18 ADICIONAL DE MÃO DE OBRA 15,51% 23,49 3,64 DE MÃO-DE-OBRA - 27,13 218,22 PRODUÇÃO DA EQUIPE 106,00 m³/h DE EXECUÇÃO 2,06 DE - - TIPO PISO DE TRANSPORTE - - DIRETO - 2,06

3 CÓDIGO: A SERVIÇO: ESCAVAÇÃO E CARGA DE DE JAZIDA : m³ OPERACIONAL E.0.02 TRATOR DE ESTEIRAS C/ LÂMINA CAT-D6M 1,00 1,00-191,09 16,74 191,09 E.0.06 MOTONIVELADORA CAT 120 H 1,00 0,78 0,22 127,48 16,74 103,12 E.0.10 CARREGADEIRA DE PNEUS CAT-950G - 2,9 m3 1,00 0,77 0,23 176,58 16,74 139,82 DE - P.5.01 ENCARREGADO DE TURMA 1,00 1,00 P.7.01 SERVENTE 1,00 3,00 434,03 17,70 17,70 9,09 27,27 ADICIONAL DE MÃO DE OBRA 15,51% 44,97 6,97 DE MÃO-DE-OBRA - 51,94 485,97 PRODUÇÃO DA EQUIPE 165,00 m³/h DE EXECUÇÃO 2,95 M.9.80 INDENIZAÇÃO DE JAZIDA m³ 1,77 1,0000 1,77 DE - 1,77 TIPO PISO DE TRANSPORTE - - DIRETO - 4,72

4 CÓDIGO: A SERVIÇO: ROCHA P/ BRITAGEM C/ PERFUR. SOBRE ESTERIA : m³ OPERACIONAL E.0.10 CARREGADEIRA DE PNEUS CAT-950G - 2,9 m3 1,00 0,35 0,65 176,58 16,74 72,68 E.2.03 COMPRESSOR AR A.COPCO XA-360 SD 762 PCM 1,00 1,00-124,66 12,91 124,66 E.2.04 MARTELETE A.COPCO RH-658 1,00 1,00-14,55 12,38 14,55 E.2.05 PERFURATRIZ A.COPCO CRAWLER DRILL ROC-442PC 1,00 1,00-64,31 12,91 64,31 E.4.33 CAMINHÃO BASCULANTE VOLVO NL t 2,00 0,69 0,31 190,18 15,30 271,93 DE - 548,13 P.5.12 ENCARREGADO DE BRITAGEM 1,00 1,00 33,49 33,49 P.6.01 BLASTER 1,00 1,00 19,62 19,62 P.7.01 SERVENTE 1,00 1,00 9,09 9,09 ADICIONAL DE MÃO DE OBRA 15,51% 62,20 9,65 DE MÃO-DE-OBRA - 71,85 619,98 PRODUÇÃO DA EQUIPE 36,00 m³/h DE EXECUÇÃO 17,22 M.3.26 SÉRIE DE BROCAS S-12 D=22mm unid. 620,44 0,0008 0,50 M.5.01 DINAMITE A 60% kg 5,00 0,4200 2,10 M.5.03 ESPOLETA COMUM N.8 unid. 0,91 0,0130 0,01 M.5.05 CORDEL DETONANTE m 0,66 0,8000 0,53 M.5.07 RETARDO DE CORDEL unid. 8,58 0,0400 0,34 M.5.08 ESTOPIM m 0,77 0,0250 0,02 M.9.45 HASTE PARA PERFURATRIZ DE ESTEIRA unid. 960,36 0,0010 0,96 M.9.46 LUVA PARA PERFURATRIZ DE ESTEIRA unid. 239,87 0,0010 0,24 M.9.47 PUNHO PARA PERFURATRIZ DE ESTEIRA unid. 786,24 0,0008 0,63 M.9.48 COROA PARA PERFURATRIZ DE ESTEIRA unid ,00 0,0007 0,87 M.9.80 INDENIZAÇÃO DE JAZIDA m³ 1,77 1,0000 1,77 A LIMPEZA CAMADA VEGETAL EM JAZIDA m² 0,39 0,7000 0,27 A EXPURGO DE JAZIDA m³ 2,06 0,2000 0,41 DE - 8,65 TIPO PISO DE TRANSPORTE - - DIRETO - 25,87

5 CÓDIGO: A SERVIÇO: RACHÃO OU PEDRA DE MÃO PRODUZIDOS : m³ OPERACIONAL E.0.10 CARREGADEIRA DE PNEUS CAT-950G - 2,9 m3 1,00 0,24 0,76 176,58 16,74 55,10 E.2.26 CONJ.BRITAGEM P/RACHÃO 80 M3/H 1,00 1,00-109,20 16,74 109,20 E.5.04 GRUPO GERADOR 288 KVA 1,00 1,00-122,93 12,91 122,93 DE - 287,23 P.5.12 ENCARREGADO DE BRITAGEM 1,00 1,00 33,49 33,49 P.7.01 SERVENTE 1,00 8,00 9,09 72,72 ADICIONAL DE MÃO DE OBRA 15,51% 106,21 16,47 DE MÃO-DE-OBRA - 122,68 409,91 PRODUÇÃO DA EQUIPE 66,00 m³/h DE EXECUÇÃO 6,21 A PEÇAS DE DESGASTE BRITADOR PROD. DE RAÇÃO cjh 37,32 0,0152 0,57 A ROCHA P/ BRITAGEM C/ PERFUR. SOBRE ESTERIA m³ 25,87 0, ,75 DE - 15,32 TIPO PISO DE TRANSPORTE - - DIRETO - 21,53

6 CÓDIGO: A SERVIÇO: AREIA EXTRAÍDA COM ESCAVADEIRA HIDRÁULICA : m³ OPERACIONAL E.0.16 CARREGADEIRA DE PNEUS CASE W-20 1,33 m3 1,00 0,42 0,58 99,79 16,74 51,62 E.0.63 ESCAVADEIRA HIDRÁULICA CAT-320L l 1,00 1,00-156,91 17,69 156,91 DE - 208,53 P.5.01 ENCARREGADO DE TURMA 1,00 1,00 17,70 17,70 P.7.01 SERVENTE 1,00 4,00 9,09 36,36 ADICIONAL DE MÃO DE OBRA 15,51% 54,06 8,38 DE MÃO-DE-OBRA - 62,44 270,97 PRODUÇÃO DA EQUIPE 49,00 m³/h DE EXECUÇÃO 5,53 M.9.80 INDENIZAÇÃO DE JAZIDA m³ 1,77 1,0000 1,77 DE - 1,77 TIPO PISO DE TRANSPORTE - - DIRETO - 7,30

7 CÓDIGO: A SERVIÇO: BRITA PRODUZIDA EM CENTRAL DE BRITAGEM : m³ E.0.10 CARREGADEIRA DE PNEUS CAT-950G - 2,9 m3 1,00 0,24 E.2.25 CONJ.BRITAGEM FAÇO 80 M3/H 1,00 1,00 E.5.04 GRUPO GERADOR 288 KVA 1,00 1,00 OPERACIONAL 0,76 176,58 16,74 55,10-282,02 16,74 282,02-122,93 12,91 122,93 DE - 460,05 P.5.12 ENCARREGADO DE BRITAGEM 1,00 1,00 33,49 33,49 P.7.01 SERVENTE 1,00 8,00 9,09 72,72 ADICIONAL DE MÃO DE OBRA 15,51% 106,21 16,47 DE MÃO-DE-OBRA - 122,68 582,73 PRODUÇÃO DA EQUIPE 66,00 m³/h DE EXECUÇÃO 8,83 A PEÇAS DE DESGASTE DO BRITADOR 80M3/H cjh 118,11 0,0152 1,80 A ROCHA P/ BRITAGEM C/ PERFUR. SOBRE ESTERIA m³ 25,87 0, ,75 DE - 16,55 TIPO PISO DE TRANSPORTE - - DIRETO - 25,38

8 CÓDIGO: A SERVIÇO: USINAGEM DE CBUQ (CAPA DE ROLAMENTO) : t E.5.01 GRUPO GERADOR HEIMER 40 KVA 1,00 1,00 E.5.03 GRUPO GERADOR HEIMER 180 KVA 1,00 1,00 OPERACIONAL E.0.10 CARREGADEIRA DE PNEUS CAT-950G - 2,9 m3 1,00 0,26 0,74 176,58 16,74 58,30 E.1.10 TANQUE ESTACIONÁRIO DE ASFALTO CIFALI l 3,00 1,00-3,64 10,92 E.1.12 AQUECEDOR FLUIDO TÉRMICO TENGE 1,00 1,00-18,75 18,75 E.1.47 USINA ASFALTO A QUENTE CIFALI DMC-2 90/120 t/h 1,00 1,00-202,29 17,69 202,29-30,11 12,91 30,11-84,93 12,91 84,93 DE - P.5.01 ENCARREGADO DE TURMA 1,00 1,00 P.7.01 SERVENTE 1,00 8,00 405,30 17,70 17,70 9,09 72,72 ADICIONAL DE MÃO DE OBRA 15,51% 90,42 14,02 DE MÃO-DE-OBRA - 104,44 509,74 PRODUÇÃO DA EQUIPE 75,00 t/h DE EXECUÇÃO 6,80 M.0.03 ÓLEO COMBUSTÍVEL 1A l 1,30 M.9.05 FILLER kg 0,05 A AREIA EXTRAÍDA COM ESCAVADEIRA HIDRÁULICA m³ 7,30 A BRITA PRODUZIDA EM CENTRAL DE BRITAGEM m³ 25,38 8, ,40 28,0000 1,40 0,1610 1,18 0, ,34 DE - 24,32 TIPO PISO DE TRANSPORTE - - DIRETO - 31,12

9 CÓDIGO: A SERVIÇO: FORMA COMUM DE MADEIRA : m² E.5.09 GRUPO GERADOR HEIMER 25,0 / 18,0 KVA 0,18 1,00 E.9.04 SERRA CIRCULAR DE BANCADA COPERCOTE 12" 0,18 1,00 OPERACIONAL - 26,54 12,91 4,78-0,25 0,05 DE - 4,83 P.6.03 CARPINTEIRO 1,00 1,00 12,44 12,44 P.7.01 SERVENTE 1,00 1,00 9,09 9,09 ADICIONAL DE MÃO DE OBRA 20,51% 21,53 4,42 DE MÃO-DE-OBRA - 25,95 30,78 PRODUÇÃO DA EQUIPE 1,00 m²/h DE EXECUÇÃO 30,78 M.3.20 PREGOS (18X30) kg 4,34 M.4.06 CAIBROS DE 7,5 x 7,5 cm m 1,68 M.4.08 TÁBUA DE PINHO DE 5ª - 2,5 x 30,0 cm m 2,70 M.4.13 GASTALHO 10,00X2,50 m 4,50 M.6.21 DESMOLDANTE kg 3,57 AM.01 AÇO CA-25 kg 4,10 0,1000 0,43 1,1500 1,93 1,9200 5,18 1,2900 5,81 0,0200 0,07 0,2500 1,03 DE - 14,45 TIPO PISO A TRANSP. COMERCIAL CARROC. PAV. GERAL MADEIRA 0,30 2,00 0,0158 0,01 DE TRANSPORTE - 0,01 DIRETO - 45,24

10 CÓDIGO: A SERVIÇO: FORMA PARA TUBULÃO : m² E.5.09 GRUPO GERADOR HEIMER 25,0 / 18,0 KVA 0,18 1,00 E.9.04 SERRA CIRCULAR DE BANCADA COPERCOTE 12" 0,18 1,00 OPERACIONAL - 26,54 12,91 4,78-0,25 0,05 DE - 4,83 P.6.03 CARPINTEIRO 1,00 0,49 12,44 6,10 P.7.01 SERVENTE 1,00 0,49 9,09 4,45 ADICIONAL DE MÃO DE OBRA 20,51% 10,55 2,16 DE MÃO-DE-OBRA - 12,71 17,54 PRODUÇÃO DA EQUIPE 1,00 m²/h DE EXECUÇÃO 17,54 M.3.20 PREGOS (18X30) kg 4,34 0,0200 0,09 M.3.32 PARAFUSO FORMA DE MADEIRA 1/2"X3" kg 13,60 0,0200 0,27 0,2200 1,04 M.3.45 CHAPA DE AÇO GALVANIZADO N 28 kg 4,72 M.4.08 TÁBUA DE PINHO DE 5ª - 2,5 x 30,0 cm m 2,70 0,5400 1,46 M.4.13 GASTALHO 10,00X2,50 m 4,50 1,7500 7,88 DE - 10,74 TIPO PISO A TRANSP. COMERCIAL CARROC. PAV. GERAL MADEIRA 0,30 2,00 0,0158 0,01 DE TRANSPORTE - 0,01 DIRETO - 28,29

11 CÓDIGO: A SERVIÇO: FORMA DE PLACA COMPENSADA RESINADA : m² E.5.09 GRUPO GERADOR HEIMER 25,0 / 18,0 KVA 0,18 1,00 E.9.04 SERRA CIRCULAR DE BANCADA COPERCOTE 12" 0,18 1,00 OPERACIONAL - 26,54 12,91 4,78-0,25 0,05 DE - 4,83 P.6.03 CARPINTEIRO 1,00 0,70 12,44 8,71 P.7.01 SERVENTE 1,00 0,70 9,09 6,36 ADICIONAL DE MÃO DE OBRA 20,51% 15,07 3,09 DE MÃO-DE-OBRA - 18,16 PRODUÇÃO DA EQUIPE 1,00 m²/h 22,99 DE EXECUÇÃO 22,99 M.3.20 PREGOS (18X30) kg 4,34 0,1000 0,43 M.4.06 CAIBROS DE 7,5 x 7,5 cm m 1,68 0,7000 1,18 M.4.10 COMPENSADO RESINADO DE 17mm m² 14,42 0,4000 5,77 M.4.13 GASTALHO 10,00X2,50 m 4,50 1,3900 6,26 M.6.21 DESMOLDANTE kg 3,57 0,0200 0,07 AM.01 AÇO CA-25 kg 4,10 0,3400 1,39 DE - 15,10 A TRANSP. COMERCIAL CARROC. PAV. TIPO PISO GERAL MADEIRA 0,30 2,00 0,0146 0,01 DE TRANSPORTE - 0,01 DIRETO - 38,10

12 CÓDIGO: A SERVIÇO: CONCRETO MAGRO EM BETONEIRA : m³ OPERACIONAL E.3.02 BETONEIRA DE 320L 1,00 1,00-13,44 12,91 13,44 E.3.04 CARRINHO DE MÃO LAGUNA 80 l 3,00 0,69 0,31 0,09 0,19 E.3.06 VIBRADOR DE IMERSÃO WACKER VIP-45 2,00 1,00-15,02 13,87 30,04 E.5.09 GRUPO GERADOR HEIMER 25,0 / 18,0 KVA 1,00 1,00-26,54 12,91 26,54 DE - 70,21 P.6.04 PEDREIRO 1,00 1,00 12,44 12,44 P.7.01 SERVENTE 1,00 14,00 9,09 127,26 ADICIONAL DE MÃO DE OBRA 20,51% 139,70 28,65 DE MÃO-DE-OBRA - 168,35 238,56 PRODUÇÃO DA EQUIPE 2,50 m³/h DE EXECUÇÃO 95,42 M.2.02 CIMENTO PORTLAND CP-32 kg 0,57 A AREIA EXTRAÍDA COM ESCAVADEIRA HIDRÁULICA m³ 7,30 A BRITA PRODUZIDA EM CENTRAL DE BRITAGEM m³ 25,38 200, ,00 0,7100 5,18 0, ,78 DE - 137,96 TIPO PISO A TRANSP. COMERCIAL CARROC. PAV. GERAL CIMENTO 0,30 520,00 0, ,20 A TRANSP. LOCAL BASC.10M3 NÃO PAV. GERAL AREIA 0,58 0,90 1,0650 0,56 A TRANSP. LOCAL BASC. 10M3 PAV. GERAL AREIA 0,45 2,00 1,0650 0,96 A TRANSP. LOCAL BASC.10M3 NÃO PAV. GERAL BRITA 0,58 7,50 1,1100 4,83 A TRANSP. LOCAL BASC. 10M3 PAV. GERAL BRITA 0,45 9,60 1,1100 4,80 DE TRANSPORTE - 42,35 DIRETO - 275,73

13 CÓDIGO: A SERVIÇO: CONCRETO FCK=10MPA : m³ E.3.02 BETONEIRA DE 320L 1,00 1,00 E.3.04 CARRINHO DE MÃO LAGUNA 80 l 3,00 0,69 E.3.06 VIBRADOR DE IMERSÃO WACKER VIP-45 2,00 1,00 E.5.09 GRUPO GERADOR HEIMER 25,0 / 18,0 KVA 1,00 1,00 OPERACIONAL - 13,44 12,91 13,44 0,31 0,09 0,19-15,02 13,87 30,04-26,54 12,91 26,54 DE - 70,21 P.6.04 PEDREIRO 1,00 1,00 12,44 12,44 P.7.01 SERVENTE 1,00 14,00 9,09 127,26 ADICIONAL DE MÃO DE OBRA 20,51% 139,70 28,65 DE MÃO-DE-OBRA - 168,35 238,56 PRODUÇÃO DA EQUIPE 2,50 m³/h DE EXECUÇÃO 95,42 M.2.02 CIMENTO PORTLAND CP-32 A AREIA EXTRAÍDA COM ESCAVADEIRA HIDRÁULICA A BRITA PRODUZIDA EM CENTRAL DE BRITAGEM kg 0,57 m³ 7,30 m³ 25,38 230, ,10 0,9600 7,01 0, ,32 DE - 159,43 TIPO PISO A TRANSP. COMERCIAL CARROC. PAV. GERAL CIMENTO 0,30 520,00 0, ,24 A TRANSP. LOCAL BASC.10M3 NÃO PAV. GERAL AREIA 0,58 0,90 0,9720 0,51 A TRANSP. LOCAL BASC. 10M3 PAV. GERAL AREIA 0,45 2,00 0,9720 0,87 A TRANSP. LOCAL BASC.10M3 NÃO PAV. GERAL BRITA 0,58 7,50 1,1100 4,83 A TRANSP. LOCAL BASC. 10M3 PAV. GERAL BRITA 0,45 9,60 1,1100 4,80 DE TRANSPORTE - 56,25 DIRETO - 311,10

14 CÓDIGO: A SERVIÇO: CONCRETO ESTRUTURAL FCK=15MPA : m³ OPERACIONAL E.3.02 BETONEIRA DE 320L 1,00 1,00-13,44 12,91 13,44 E.3.04 CARRINHO DE MÃO LAGUNA 80 l 3,00 0,69 0,31 0,09 0,19 E.3.06 VIBRADOR DE IMERSÃO WACKER VIP-45 2,00 1,00-15,02 13,87 30,04 E.5.09 GRUPO GERADOR HEIMER 25,0 / 18,0 KVA 1,00 1,00-26,54 12,91 26,54 DE - 70,21 P.6.04 PEDREIRO 1,00 1,00 12,44 12,44 P.7.01 SERVENTE 1,00 14,00 9,09 127,26 ADICIONAL DE MÃO DE OBRA 20,51% 139,70 28,65 DE MÃO-DE-OBRA - 168,35 PRODUÇÃO DA EQUIPE 2,50 m³/h DE EXECUÇÃO M.2.02 CIMENTO PORTLAND CP-32 kg 0,57 A AREIA EXTRAÍDA COM ESCAVADEIRA HIDRÁULICA m³ 7,30 A BRITA PRODUZIDA EM CENTRAL DE BRITAGEM m³ 25,38 238,56 95,42 270, ,90 0,8950 6,53 0, ,78 DE - 179,21 TIPO PISO A TRANSP. COMERCIAL CARROC. PAV. GERAL CIMENTO 0,30 520,00 0, ,12 A TRANSP. LOCAL BASC.10M3 NÃO PAV. GERAL AREIA 0,58 0,90 1,3425 0,70 A TRANSP. LOCAL BASC.10M3 NÃO PAV. GERAL AREIA 0,58 2,00 1,3425 1,56 A TRANSP. LOCAL BASC.10M3 NÃO PAV. GERAL BRITA 0,58 7,50 1,1100 4,83 A TRANSP. LOCAL BASC. 10M3 PAV. GERAL BRITA 0,45 9,60 1,1100 4,80 DE TRANSPORTE - 54,01 DIRETO - 328,64

15 CÓDIGO: A C O M P O S I Ç Ã O D E C U S T O S B Á S I C O S SERVIÇO: CONCRETO ESTRUTURAL FCK=18MPA : m³ OPERACIONAL E.3.02 BETONEIRA DE 320L 1,00 1,00-13,44 12,91 13,44 E.3.04 CARRINHO DE MÃO LAGUNA 80 l 3,00 0,69 0,31 0,09 0,19 E.3.06 VIBRADOR DE IMERSÃO WACKER VIP-45 2,00 1,00-15,02 13,87 30,04 E.5.09 GRUPO GERADOR HEIMER 25,0 / 18,0 KVA 1,00 1,00-26,54 12,91 26,54 DE - 70,21 P.6.04 PEDREIRO 1,00 1,00 12,44 12,44 P.7.01 SERVENTE 1,00 14,00 9,09 127,26 ADICIONAL DE MÃO DE OBRA 20,51% 139,70 28,65 DE MÃO-DE-OBRA - 168,35 PRODUÇÃO DA EQUIPE 2,50 m³/h 238,56 DE EXECUÇÃO 95,42 M.2.02 CIMENTO PORTLAND CP-32 A AREIA EXTRAÍDA COM ESCAVADEIRA HIDRÁULICA A BRITA PRODUZIDA EM CENTRAL DE BRITAGEM kg 0,57 295, ,15 m³ 7,30 0,9600 7,01 m³ 25,38 0, ,32 DE - 196,48 TIPO PISO A TRANSP. COMERCIAL CARROC. PAV. GERAL CIMENTO 0,30 520,00 0, ,94 A TRANSP. LOCAL BASC.10M3 NÃO PAV. GERAL AREIA 0,58 0,90 0,8940 0,47 A TRANSP. LOCAL BASC. 10M3 PAV. GERAL AREIA 0,45 2,00 0,8940 0,80 A TRANSP. LOCAL BASC.10M3 NÃO PAV. GERAL BRITA 0,58 7,50 1,1100 4,83 A TRANSP. LOCAL BASC. 10M3 PAV. GERAL BRITA 0,45 9,60 1,1100 4,80 DE TRANSPORTE - 67,84 DIRETO - 359,74

16 CÓDIGO: A SERVIÇO: CONCRETO ESTRUTURAL FCK=25MPA : m³ E.3.02 E.3.04 E.3.06 E.5.09 BETONEIRA DE 320L CARRINHO DE MÃO LAGUNA 80 l VIBRADOR DE IMERSÃO WACKER VIP-45 GRUPO GERADOR HEIMER 25,0 / 18,0 KVA OPERACIONAL 1,00 1,00-13,44 12,91 13,44 3,00 0,69 0,31 0,09 0,19 2,00 1,00-15,02 13,87 30,04 1,00 1,00-26,54 12,91 26,54 DE - 70,21 P.6.04 PEDREIRO P.7.01 SERVENTE 1,00 1,00 1,00 14,00 12,44 12,44 9,09 127,26 ADICIONAL DE MÃO DE OBRA 20,51% 139,70 28,65 DE MÃO-DE-OBRA - 168,35 238,56 PRODUÇÃO DA EQUIPE 2,50 m³/h DE EXECUÇÃO 95,42 M.2.02 CIMENTO PORTLAND CP-32 kg 0,57 350, ,50 A AREIA EXTRAÍDA COM ESCAVADEIRA HIDRÁULICA m³ 7,30 0,9600 7,01 A BRITA PRODUZIDA EM CENTRAL DE BRITAGEM m³ 25,38 0, ,32 DE - 227,83 TIPO PISO A TRANSP. COMERCIAL CARROC. PAV. GERAL CIMENTO 0,30 520,00 0, ,96 A TRANSP. LOCAL BASC.10M3 NÃO PAV. GERAL AREIA 0,58 0,90 0,8475 0,44 A TRANSP. LOCAL BASC. 10M3 PAV. GERAL AREIA 0,45 2,00 0,8475 0,76 A TRANSP. LOCAL BASC.10M3 NÃO PAV. GERAL BRITA 0,58 7,50 1,1100 4,83 A TRANSP. LOCAL BASC. 10M3 PAV. GERAL BRITA 0,45 9,60 1,1100 4,80 DE TRANSPORTE - 74,79 DIRETO - 398,04

17 CÓDIGO: A SERVIÇO: ESCORAMENTO DE BUEIROS CELULARES : m³ E.5.09 GRUPO GERADOR HEIMER 25,0 / 18,0 KVA 1,00 0,50 E.9.04 SERRA CIRCULAR DE BANCADA COPERCOTE 12" 1,00 0,50 OPERACIONAL 0,50 26,54 12,91 19,73 0,50 0,25 0,13 DE - 19,86 P.6.03 CARPINTEIRO 1,00 0,60 P.7.01 SERVENTE 1,00 1,50 12,44 9,09 7,46 13,64 ADICIONAL DE MÃO DE OBRA 20,51% 21,10 4,33 DE MÃO-DE-OBRA - 25,43 PRODUÇÃO DA EQUIPE 1,00 m³/h DE EXECUÇÃO 45,29 45,29 M.3.20 PREGOS (18X30) kg 4,34 M.4.02 PONTALETES D=20cm m 1,41 M.4.07 TÁBUA DE PINHO DE 1ª - 2,5 x 15,0 cm m 5,00 M.4.08 TÁBUA DE PINHO DE 5ª - 2,5 x 30,0 cm m 2,70 0,0140 0,06 0,1300 0,18 0,7400 3,70 0,1000 0,27 DE - 4,21 TIPO PISO A TRANSP. COMERCIAL CARROC. PAV. GERAL MADEIRA 0,30 2,00 0,0150 0,01 DE TRANSPORTE - 0,01 DIRETO - 49,51

18 CÓDIGO: A SERVIÇO: CONCRETO CICLÓPICO FCK=15MPA : m³ OPERACIONAL DE - - P.6.04 PEDREIRO P.7.01 SERVENTE 1,00 0,30 1,00 4,00 12,44 9,09 3,73 36,36 ADICIONAL DE MÃO DE OBRA 20,51% 40,09 8,22 DE MÃO-DE-OBRA - 48,31 48,31 PRODUÇÃO DA EQUIPE 3,50 m³/h DE EXECUÇÃO 13,80 A RACHÃO OU PEDRA DE MÃO PRODUZIDOS m³ 21,53 A CONCRETO ESTRUTURAL FCK=15MPA m³ 328,64 0,3450 7,43 0, ,05 DE - 237,48 TIPO PISO A TRANSP. LOCAL BASC.10M3 NÃO PAV. GERAL PEDRA MÃO 0,58 7,50 0,5175 2,25 A TRANSP. LOCAL BASC. 10M3 PAV. GERAL PEDRA MÃO 0,45 9,60 0,5175 2,24 DE TRANSPORTE - 4,49 DIRETO - 255,77

19 CÓDIGO: A SERVIÇO: ARMADURA EM AÇO CA-60 : kg OPERACIONAL DE - - P.5.01 ENCARREGADO DE TURMA P.6.05 ARMADOR P.7.01 SERVENTE 1,00 0,02 1,00 0,08 1,00 0,14 17,70 0,35 12,44 1,00 9,09 1,27 ADICIONAL DE MÃO DE OBRA 20,51% 2,62 0,54 DE MÃO-DE-OBRA - 3,16 3,16 PRODUÇÃO DA EQUIPE 1,00 kg/h DE EXECUÇÃO 3,16 M.3.19 ARAME RECOZIDO N.º 18 kg 5,15 AM.08 AÇO CA-60 kg 6,30 0,0100 0,05 1,1000 6,93 DE - 6,98 TIPO PISO A TRANSP. COMERCIAL CARROC. PAV. GERAL AÇO 0,30 2,00 0,0011 DE TRANSPORTE - - DIRETO - 10,14

20 CÓDIGO: A SERVIÇO: ARMADURA EM AÇO CA-50 : kg OPERACIONAL DE - - P.5.01 ENCARREGADO DE TURMA P.6.05 ARMADOR P.7.01 SERVENTE 1,00 0,02 1,00 0,08 17,70 0,35 12,44 1,00 1,00 0,14 9,09 1,27 ADICIONAL DE MÃO DE OBRA 20,51% 2,62 0,54 DE MÃO-DE-OBRA - 3,16 3,16 PRODUÇÃO DA EQUIPE 1,00 kg/h DE EXECUÇÃO 3,16 M.3.19 ARAME RECOZIDO N.º 18 kg AM.05 AÇO CA-50 kg 5,15 5,20 0,0100 0,05 1,1000 5,72 DE - 5,77 TIPO PISO A TRANSP. COMERCIAL CARROC. PAV. GERAL AÇO 0,30 2,00 0,0011 DE TRANSPORTE - - DIRETO - 8,93

21 CÓDIGO: A SERVIÇO: ARMADURA EM AÇO CA-25 : kg OPERACIONAL DE - - P.5.01 P.6.05 P.7.01 ENCARREGADO DE TURMA ARMADOR SERVENTE 1,00 0,02 1,00 0,08 1,00 0,14 17,70 0,35 12,44 1,00 9,09 1,27 ADICIONAL DE MÃO DE OBRA 20,51% 2,62 DE MÃO-DE-OBRA - 0,54 3,16 PRODUÇÃO DA EQUIPE 1,00 kg/h DE EXECUÇÃO 3,16 3,16 M.3.19 ARAME RECOZIDO N.º 18 kg 5,15 AM.01 AÇO CA-25 kg 4,10 0,0100 0,05 1,1000 4,51 DE - 4,56 TIPO A TRANSP. COMERCIAL CARROC. PAV. GERAL AÇO 0,30 2,00 0,0011 PISO DE TRANSPORTE - - DIRETO - 7,72

22 CÓDIGO: A SERVIÇO: ARGAMASSA CIMENTO AREIA 1:3 : m³ E.3.02 BETONEIRA DE 320L 1,00 1,00 E.3.04 CARRINHO DE MÃO LAGUNA 80 l 3,00 1,00 E.5.09 GRUPO GERADOR HEIMER 25,0 / 18,0 KVA 1,00 1,00 OPERACIONAL - 13,44 12,91 13,44-0,09 0,27-26,54 12,91 26,54 DE - 40,25 P.6.04 PEDREIRO P.7.01 SERVENTE 1,00 1,00 12,44 12,44 1,00 14,00 9,09 127,26 ADICIONAL DE MÃO DE OBRA 20,51% 139,70 28,65 DE MÃO-DE-OBRA - 168,35 208,60 PRODUÇÃO DA EQUIPE 2,50 m³/h DE EXECUÇÃO 83,44 M.2.02 CIMENTO PORTLAND CP-32 kg 0,57 A AREIA EXTRAÍDA COM ESCAVADEIRA HIDRÁULICA m³ 7,30 490, ,30 1,2000 8,76 DE - 288,06 TIPO PISO A TRANSP. COMERCIAL CARROC. PAV. GERAL CIMENTO 0,30 520,00 0, ,44 A TRANSP. LOCAL BASC.10M3 NÃO PAV. GERAL AREIA 0,58 0,90 1,5750 0,82 A TRANSP. LOCAL BASC. 10M3 PAV. GERAL AREIA 0,45 2,00 1,5750 1,42 DE TRANSPORTE - 78,68 DIRETO - 450,18

23 CÓDIGO: A SERVIÇO: ARGAMASSA CIMENTO AREIA 1:4 : m³ OPERACIONAL E.3.02 BETONEIRA DE 320L 1,00 1,00-13,44 12,91 13,44 E.3.04 CARRINHO DE MÃO LAGUNA 80 l 3,00 1,00-0,09 0,27 E.5.09 GRUPO GERADOR HEIMER 25,0 / 18,0 KVA 1,00 1,00-26,54 12,91 26,54 DE - 40,25 P.6.04 PEDREIRO P.7.01 SERVENTE 1,00 1,00 12,44 12,44 1,00 14,00 9,09 127,26 ADICIONAL DE MÃO DE OBRA 20,51% 139,70 28,65 DE MÃO-DE-OBRA - 168,35 208,60 PRODUÇÃO DA EQUIPE 2,50 m³/h DE EXECUÇÃO 83,44 M.2.02 CIMENTO PORTLAND CP-32 kg 0,57 A AREIA EXTRAÍDA COM ESCAVADEIRA HIDRÁULICA m³ 7,30 370, ,90 1,2200 8,91 DE - 219,81 TIPO PISO A TRANSP. COMERCIAL CARROC. PAV. GERAL CIMENTO 0,30 520,00 0, ,72 A TRANSP. LOCAL BASC.10M3 NÃO PAV. GERAL AREIA 0,58 0,90 1,7250 0,90 A TRANSP. LOCAL BASC. 10M3 PAV. GERAL AREIA 0,45 2,00 1,7250 1,55 DE TRANSPORTE - 60,17 DIRETO - 363,42

COMPOSIÇÃO DE CUSTO UNITÁRIO

COMPOSIÇÃO DE CUSTO UNITÁRIO Código: Serviço: Montagem de Usina de Asfalto - 40/60 t/h Unidade: und. Produção de Equipe: 0,12 Operacional E408 - Caminhão Carroceria - Mercedes Benz: 710/37-4t 1,00000 1,00000 0,00000 57,50 14,60 57,50

Leia mais

COMPOSIÇÃO DE PREÇO UNITÁRIO

COMPOSIÇÃO DE PREÇO UNITÁRIO COMPOSIÇÃO DE PREÇO CÓDIGO: 02.110.00 SERVIÇO: REGULARIZAÇÃO DO SUBLEITO : m² E.0.06 E.0.07 E.0.13 E.1.01 E.1.05 E.4.07 MOTONIVELADORA CAT 120 H TRATOR AGRÍCOLA M.FERGUSON MF292 ROLO COMPACT. PC AP CA25PC

Leia mais

Custo Horário dos Equipamentos --------> 427,86 B Mão de Obra Quantidade T501 Encarregado de turma 0,50 23,3400. 11,67 T701 Servente 2,00 9,9300

Custo Horário dos Equipamentos --------> 427,86 B Mão de Obra Quantidade T501 Encarregado de turma 0,50 23,3400. 11,67 T701 Servente 2,00 9,9300 DERTERRA001 Desm. dest. limpeza áreas c/arv. diam. até 0,15 m Prod. Equipe: 1.444,00 m² E003 Trator de Esteira com Lâmina (259KW) 1,00 1,00 427,86 20,28 427,86 dos Equipamentos --------> 427,86 T501 Encarregado

Leia mais

MÃO DE OBRA Quant Salário Custo Horário T501 - Enncarregado de turma 1 21,35 21,35 T701 - Servente 3 7,64 22,93 Total 44,28

MÃO DE OBRA Quant Salário Custo Horário T501 - Enncarregado de turma 1 21,35 21,35 T701 - Servente 3 7,64 22,93 Total 44,28 Item 1.1 Serviço: Recomposição Mecanizada de Aterro e Erosões na Faixa de Domínio Unid: m³ Caminhção basculante rodoferroviário 10 m³ 1 1 0 268,02 13,91 268,02 Caminhção tanque rodoferroviário 6.000 l

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA DA REPÚBLICA NO RIO GRANDE DO SUL SEA - PR/RS CONCORRÊNCIA 01/2009

MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL PROCURADORIA DA REPÚBLICA NO RIO GRANDE DO SUL SEA - PR/RS CONCORRÊNCIA 01/2009 ANEXO I-D ORÇAMENTO ESTIMATIVO ANALÍTICO PROCURADORIA DA REPÚBLICA EM PELOTAS/RS ORÇAMENTO - PLANILHA ANALÍTICA BDI = 19,57% e LS = 176,82% DATA: JULHO/2009 CÓDIGO DESCRIÇÃO UNIDADE COEF. PREÇO(R$) TOTAL

Leia mais

SICRO2. DNIT - Sistema de Custos Rodoviários. Atividades Auxiliares Resumo dos Custos Unitários de Referência: Março de 2010. Pernambuco RCTR0330

SICRO2. DNIT - Sistema de Custos Rodoviários. Atividades Auxiliares Resumo dos Custos Unitários de Referência: Março de 2010. Pernambuco RCTR0330 Atividades Auxiliares 1 A 00 001 05 - Transp. local c/ basc. 10m3 rodov. não pav (const) tkm 0,57 0,00 0,57 1 A 00 001 06 - Transp. local c/ basc. 10m3 rodov. não pav (consv) tkm 0,70 0,00 0,70 1 A 00

Leia mais

Informador das construções

Informador das construções 02 01 TERRAPLENAGEM Informador das Contruções 02 01 01 DESMATAMENTO, DESTOC. E LIMP DE ÁRVORES, ARB. E VEGET. RASTEIRA (Execução na espessura de até 30 cm, incluindo remanejamento de material p/ fora da

Leia mais

COMPOSIÇÃO DE PREÇO UNITÁRIO

COMPOSIÇÃO DE PREÇO UNITÁRIO E202 Compressor de Ar - 400 PCM (89 kw) 1,00 1,00 0,00 68,63 17,27 68,63 E210 Martelete - rompedor 33 kg 3,00 1,00 0,00 16,08 15,35 48,24 E404 COMPOSIÇÃO DE PREÇO Demolição de dispositivos de concreto

Leia mais

DEPARTAMENTO DE PATRIMÔNIO IMOBILIÁRIO DPI.E AHE SANTO ANTÔNIO CADERNO DE VALORES

DEPARTAMENTO DE PATRIMÔNIO IMOBILIÁRIO DPI.E AHE SANTO ANTÔNIO CADERNO DE VALORES S PARA CONSTRUÇÕES TABELA - X CÓDGO: X. ESTRADA sem pavimentação com até 4,00 metros de largura Referência: 1,00 km CONSTRUÇÕES ESPECAS Nivelamento e conformação de plataforma de rolagem Plan-2 4.000,0000

Leia mais

Insumo/Aux. Descrição Unidade Coeficiente Preço Unitário Preço Total

Insumo/Aux. Descrição Unidade Coeficiente Preço Unitário Preço Total COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE PREÇO UNITÁRIO Cliente: Edificações Obra: CENTRO DE TREINAMENTO OFICIAL DO PARI Local: VÁRZEA GRANDE - MT 1 Estaca raiz diâmetro de 200mm M 1 0102015 Ferreiro (sgsp) H 0,847272

Leia mais

Relatório de Composições

Relatório de Composições 01 CANTEIRO DE OBRAS 0101 CONSTRUÇÃO DO CANTEIRO Relatório de Composições 010101. ESCRITORIO m2 - COMPOSIÇÃO 010101. SERVENTE (120%) h 5,000000 M.O. 010104. PROFISSIONAL (120%) h 2,500000 M.O. 081901.

Leia mais

LEVANTAMENTO VISUAL CONTÍNUO DA CONDIÇÃO DE SUPERFÍCIE

LEVANTAMENTO VISUAL CONTÍNUO DA CONDIÇÃO DE SUPERFÍCIE LEVANTAMENTO VISUAL CONTÍNUO DA CONDIÇÃO DE SUPERFÍCIE RODOVIA: BR-040 - Lote 2 CÓDIGO AVALIADOR: Edson INÍCIO: 683,895 TRECHO SENTIDO: RJ - BH MÊS: nov-11 FIM: 632,200 ACOSTAMENTO PISTA FAIXA Observações:

Leia mais

REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL

REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES - MT DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES SUPERINTENDÊNCIA REGIONAL DO RIO GRANDE DO NORTE RODOVIA : BR-101/RN TRECHO : Av.

Leia mais

Insumos - EQUIPAMENTOS

Insumos - EQUIPAMENTOS EQUIPAMENTOS - AQUISIÇÃO 3127 Vibrador de imersão, diesel 4 hp UN 2.200,00 3130 Máquina para bloco intertravado, (prensa), gasolina 3 hp UN 12.200,00 3001-CA Trator de esteiras, com lâmina, diesel 110

Leia mais

TABELA DE PREÇOS COMPOSIÇÕES ANALÍTICAS RELATÓRIO ANALÍTICO DE COMPOSIÇÕES UNITÁRIAS (CONSTRUÇÃO CIVIL) - ADAPTADO AO SINAPI CONSTRUÇÃO CIVIL

TABELA DE PREÇOS COMPOSIÇÕES ANALÍTICAS RELATÓRIO ANALÍTICO DE COMPOSIÇÕES UNITÁRIAS (CONSTRUÇÃO CIVIL) - ADAPTADO AO SINAPI CONSTRUÇÃO CIVIL TABELA DE PREÇOS COMPOSIÇÕES ANALÍTICAS CONSTRUÇÃO CIVIL CONSTRUÇÃO CIVIL - COMPOSIÇÕES ANALÍTICAS.xls CONSTRUÇÃO CIVIL - COMPOSIÇÕES ANALÍTICAS.xls COMPOSIÇÃO 3 BARRACÃO, SANITÁRIO, ALMOX. E DEPOSITO

Leia mais

Código Descrição Unidade Quantidade Preço Preço Total 8000508010001 Barracão de obra em chapa compensada

Código Descrição Unidade Quantidade Preço Preço Total 8000508010001 Barracão de obra em chapa compensada 8000508010001 Barracão de obra em chapa compensada resinada 10 mm com cobertura de fibrocimento, espessura 4 mm m2 173,75 0127000019001 Carpinteiro h 2,500000 12,00 30,00 0127000022001 Eletricista h 0,160000

Leia mais

COMPOSIÇÃO DE PREÇO UNITÁRIO

COMPOSIÇÃO DE PREÇO UNITÁRIO COMPOSIÇÃO DE PREÇO UNITÁRIO Serviço: Montagem de usina de asfalto 90-120t/h sem administração (escritório e laboratório) Código: 1 N 01 210 04 Unid: und Utilização Custo Operacional Custo Código A-EQUIPAMENTO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE VERA CRUZ - RS

PREFEITURA MUNICIPAL DE VERA CRUZ - RS PREFEITURA MUNICIPAL DE VERA CRUZ - RS Vera Cruz,RS, 04 de Junho de 2014 ORÇAMENTO PARA PAVIMENTAÇÃO ASFÁLTICA LOCAL: CIPRIANO - VERA CRUZ - RS ÁREA TOTAL: 4.320,00 m² TABELA SINAPI- DATA BASE - MAR/2014-24,06%

Leia mais

COMPOSIÇÃO DE CUSTO UNITÁRIO

COMPOSIÇÃO DE CUSTO UNITÁRIO Código: 2 S 02 501 51 Serviço: Tratamento superficial duplo c/ emulsão BC Unidade: m² Produção de Equipe: 343,0 Discriminação Qtde. Produtiva Improdutiva Produtivo ImImprodutivo Horário E007 - Trator Agrícola

Leia mais

República Federativa do Brasil Ministério dos Transportes Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes

República Federativa do Brasil Ministério dos Transportes Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes República Federativa do Brasil Ministério dos Transportes Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes Programa Integrado de Revitalização PIR-IV SUPERINTENDÊNCIA REGIONAL DO DNIT NO ESTADO

Leia mais

PROGRAMA DE MANUTENÇÃO RODOVIÁRIA (CONSERVAÇÃO / RECUPERAÇÃO) PLANO DE TRABALHO E ORÇAMENTO (PATO)

PROGRAMA DE MANUTENÇÃO RODOVIÁRIA (CONSERVAÇÃO / RECUPERAÇÃO) PLANO DE TRABALHO E ORÇAMENTO (PATO) M I N I S T É R I O D O S T R A N S P O R T E S DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRAESTRUTURA DE TRANSPORTES SUPERINTENDÊNCIA REGIONAL DO ESTADO DE DE MATO GROSSO UNIDADE LOCAL DE CÁCERES-MT PROGRAMA DE MANUTENÇÃO

Leia mais

01 - SERVIÇOS INICIAIS

01 - SERVIÇOS INICIAIS 01 - SERVIÇOS INICIAIS Levantamento Topográfico Levantamento planialtimétrico e cadastral de área urbana, para representação gráfica em escala entre 1:100 e 1:250 com curva de nível de 1m de equidistância

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLANDIA PREFEITURA UNIVERSITÁRIA DIRETORIA DE INFRAESTRUTURA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLANDIA PREFEITURA UNIVERSITÁRIA DIRETORIA DE INFRAESTRUTURA UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLANDIA PREFEITURA UNIVERSITÁRIA DIRETORIA DE INFRAESTRUTURA PLANILHA COMPOSIÇÕES ANALÍTICAS OBRA : REDE DE TELEFONIA 1YSM ORÇAMENTO : REDE DE TELEFONIA 1YSM LOCAL : CAMPUS SANTA

Leia mais

COMPOSIÇÃO DE PREÇO UNITÁRIO

COMPOSIÇÃO DE PREÇO UNITÁRIO COMPOSIÇÃO DE PREÇO CÓDIGO: 04.100.01 SERVIÇO: CORPO BSTC D=0,60M : m UTILIZAÇÃO OPERACIONAL E.4.02 CAMINHÃO CARROCERIA M.BENZ 2423 K 15 t 0,01 1,00-110,45 15,30 1,10 E.4.04 CAMINHÃO BASCULANTE M.BENZ

Leia mais

PROGRAMA DE MANUTENÇÃO RODOVIÁRIA (CONSERVAÇÃO / RECUPERAÇÃO) PLANO DE TRABALHO E ORÇAMENTO (PATO)

PROGRAMA DE MANUTENÇÃO RODOVIÁRIA (CONSERVAÇÃO / RECUPERAÇÃO) PLANO DE TRABALHO E ORÇAMENTO (PATO) M I N I S T É R I O D O S T R A N S P O R T E S DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRAESTRUTURA DE TRANSPORTES SUPERINTENDÊNCIA REGIONAL DO ESTADO DE MATO GROSSO UNIDADE LOCAL DE CÁCERES-MT PROGRAMA DE MANUTENÇÃO

Leia mais

VOLUME 4 - ORÇAMENTO E PLANO DE EXECUÇÃO DA OBRA

VOLUME 4 - ORÇAMENTO E PLANO DE EXECUÇÃO DA OBRA 37 38 39 ENBRAGEO (Taboão da Serra/SP) 40 41 42 43 44 45 FUNDESP (Jandira/SP) 46 47 48 49 50 51 GEOSONDA (Cotia/SP) 52 53 54 55 56 GLOBOGEO (São Paulo/SP) 57 58 59 60 SOLOTRAT (São Paulo/SP) 61 62 63 64

Leia mais

DNIT MANUAL DE CUSTOS RODOVIÁRIOS VOLUME 6 COMPOSIÇÕES DE CUSTOS UNITÁRIOS DE REFERÊNCIA OBRAS DE SINALIZAÇÃO RODOVIÁRIA

DNIT MANUAL DE CUSTOS RODOVIÁRIOS VOLUME 6 COMPOSIÇÕES DE CUSTOS UNITÁRIOS DE REFERÊNCIA OBRAS DE SINALIZAÇÃO RODOVIÁRIA DNIT MANUAL DE CUSTOS RODOVIÁRIOS VOLUME 6 COMPOSIÇÕES DE CUSTOS UNITÁRIOS DE REFERÊNCIA OBRAS DE SINALIZAÇÃO RODOVIÁRIA 2003 MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES

Leia mais

CÁLCULO DAS COMPOSIÇÕES DE PREÇOS (MEMÓRIA DE CÁLCULO)

CÁLCULO DAS COMPOSIÇÕES DE PREÇOS (MEMÓRIA DE CÁLCULO) SERVIÇO: MANUTENÇÃO RODOVIÁRIA ( Conservação/Recuperação) RODOVIA: BR - 135/PI TRECHO: Div. MA/PI - Div. PI/BA SUB-TRECHO: ENTR BR-324(B)/PI-141/250(B)(ELISEU MARTINS) - ENTR PI-257 (REDENÇÃO) SEGMENTO:

Leia mais

SICRO2. DNIT - Sistema de Custos Rodoviários. Preço Unitário dos Equipamentos RPEP0040. (Valores em R$) Pesquisa: 20/11/2006.

SICRO2. DNIT - Sistema de Custos Rodoviários. Preço Unitário dos Equipamentos RPEP0040. (Valores em R$) Pesquisa: 20/11/2006. A001 Componente para equipamento : Caterpillar : D8T - trator de esteiras A002 Componente para equipamento : Caterpillar : R-8 - escarificador A003 A004 Componente para veículos : Mercedes Benz : ATEGO

Leia mais

Custo Horário dos Equipamentos > 218,52 B Mão de Obra Quantidade T702 Ajudante 1,00 10, ,28 T701 Servente 2,00 9,9300

Custo Horário dos Equipamentos > 218,52 B Mão de Obra Quantidade T702 Ajudante 1,00 10, ,28 T701 Servente 2,00 9,9300 DERCONS001 Desm. e limpeza lateral c/ arv. diam. até 0,15m Prod. Equipe: 800,00 m² A Equipamento Quantidade Utilização Custo Operacional E002 Trator de Esteira com Lâmina (108KW) 1,00 1,00 218,52 20,28

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA COMPOSIÇÃO DE SERVIÇO AMPLIAÇÃO DA REDE CAMPUS PATOS DE MINAS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA COMPOSIÇÃO DE SERVIÇO AMPLIAÇÃO DA REDE CAMPUS PATOS DE MINAS Item: 01. 01. Serviço: PLACA DE OBRA EM CHAPA DE ACO GALVANIZADO CB0006 CH0073 - CONCRETO NAO ESTRUTURAL, CONSUMO 150KG/M3, PREPARO M3 COM 0,01 233,8942 2,3389 CU1180 - CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS

Leia mais

COMPOSIÇÕES DO BANCO DE PREÇOS DE SERVIÇOS DE ENGENHARIA DA CAERN - TABELA NOVEMBRO 2014 DESONERADA SÉRIE 2000000

COMPOSIÇÕES DO BANCO DE PREÇOS DE SERVIÇOS DE ENGENHARIA DA CAERN - TABELA NOVEMBRO 2014 DESONERADA SÉRIE 2000000 REBAIXAMENTO DE LENÇOL FREÁTICO COM PONTEIRAS, SISTEMA À VÁCUO 2010006 00002705 ENERGIA ELETRICA ATE 2000 KWH INDUSTRIAL, SEM DEMANDA KW/H 1,02800 0,35 0,36 83999 CAMINHÃO TOCO, CARROCERIA FIXA ABERTA

Leia mais

COMPOSIÇÕES UNITÁRIAS

COMPOSIÇÕES UNITÁRIAS COMPOSIÇÕES UNITÁRIAS OBRA: ACESSOS PROVISÓRIOS AO CAMPUS GLÓRIA ORÇAMENTO: ACESSOS PROVISÓRIOS AO CAMPUS GLÓRIA LOCAL: CAMPUS GLORIA - UBERLÂNDIA - MG Item: 73805/001 Serviço: BARRACAO DE OBRA PARA ALOJAMENTO/ESCRITORIO,

Leia mais

PESOS ESPECÍFICOS DE MATERIAIS

PESOS ESPECÍFICOS DE MATERIAIS PESOS ESPECÍFICOS DE MATERIAIS 1) MATERIAIS SOLTOS AREIA SECA 100 a 1600 AREIA ÚMIDA 1700 a 200 AREIA FINA SECA 1500 AREIA GROSSA SECA 1800 ARGILA SECA 1600 a 1800 ARGILA ÚMIDA 1800 a 2100 CAL HIDRATADA

Leia mais

MOBIL E DESMOBIL EQUIP. DISCRIMINAÇÃO UNID. QUANT. CONSUMO (Km) (ton)

MOBIL E DESMOBIL EQUIP. DISCRIMINAÇÃO UNID. QUANT. CONSUMO (Km) (ton) ------- MOBIL E DESMOBIL EQUIP M.T. - DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRAESTRUTURA DE TRANSPORTES Rodovia: BR 235/BA Trecho: DIV SElBA - DIV BAlPI Subtrecho: Ente BR-324/BA (Nova Remanso) - DIV. BAlPI Segmento:

Leia mais

VALOR (R$) - c/ BDI 12.675.927,42 74,64% 15.818.304,02 74,67% 4.307.581,46 25,36% 5.366.018,71 25,33% 16.983.508,88 21.184.322,73

VALOR (R$) - c/ BDI 12.675.927,42 74,64% 15.818.304,02 74,67% 4.307.581,46 25,36% 5.366.018,71 25,33% 16.983.508,88 21.184.322,73 LOCAL OBRA : RIO VERDE : CANALIZAÇÃO E PISTAS MARGINAIS - CÓRREGO SAPO R E S U M O D O O R Ç A M E N T O SERVIÇO VALOR (R$) - s/ % VALOR (R$) - c/ % 1.0 - CANAL 1.1 - TERRAPLENAGEM... 5.269.441,44 31,03%

Leia mais

PLANILHA DE PREÇO PARA PERFURAÇÃO DE POÇO TUBULAR

PLANILHA DE PREÇO PARA PERFURAÇÃO DE POÇO TUBULAR QUADRO II- ESPECIFICAÇÕES DA OBRA Ministério da Integração Nacional Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba PLANILHA DE PREÇO PARA PERFURAÇÃO DE POÇO TUBULAR ITEM MÃO DE OBRA/

Leia mais

SUPLEMENTO Nº 02 TOTAL ITEM: 1 2.537.161,14

SUPLEMENTO Nº 02 TOTAL ITEM: 1 2.537.161,14 CO.GCM.A.00003.2014 1/59 SUPLEMENTO Nº 02 1. O presente suplemento tem como finalidade alterar o valor do orçamento de FURNAS citado no item 10, subitem 10.1 da pág. 21/154 e também alterar as Planilhas

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMAÇARI

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMAÇARI 1/7 MANUTENÇÃO DE REDE DE DRENAGEM 1. INFRA-ESTRUTURA 1.1 ESCAVAÇÃO MANUAL EM ÁREA URBANA 1.1.1 Escavação manual de vala ou cava em material de 1ª categoria, profundidade até 1,50m m 3 3.920,00 1.1.2 3,00m

Leia mais

Composições de Serviços da Obra

Composições de Serviços da Obra Composições de Serviços da Obra Obra 1354 - Galpão de Concreto Pre-moldado 20x100m PD=5m - Parque de Exposição BDI não aplicado Encargos sociais 1,659 Etapa 002 - SERVIÇOS TÉCNICOS Subetapa 002.005 - PROJETOS

Leia mais

Anexo 1.4-10 - Histograma de Veículos e Equipamentos

Anexo 1.4-10 - Histograma de Veículos e Equipamentos Anexo 1.4-10 - Histograma de Veículos e Equipamentos LT 500 KV / ESTREITO - FERNÃO DIAS HISTOGRAMA - VEÍCULOS / EQUIPAMENTOS Ano 1 1 2 3 4 5 6 7 ITEM EQUIPES TOTAL GERAL 34 34 34 51 51 51 51 TOTAL POR

Leia mais

PISO EM CONCRETO ARMADO COM TELA E JUNTAS DE DILATAÇÃO (ESP=10CM) - FCK=>20MPa

PISO EM CONCRETO ARMADO COM TELA E JUNTAS DE DILATAÇÃO (ESP=10CM) - FCK=>20MPa CPU 01 SINAPI 88245 ARMADOR COM ENCARGOS COMPLEMENTARES H 0,02 15,05 0,30 SINAPI 88309 PEDREIRO COM ENCARGOS COMPLEMENTARES H 0,26 15,05 3,91 SINAPI 88316 SERVENTE COM ENCARGOS COMPLEMENTARES H 1,94 11,25

Leia mais

INSTALAÇÃO E MANUTENÇÃO DE CANTEIRO DE OBRAS E ACAMPAMENTOS

INSTALAÇÃO E MANUTENÇÃO DE CANTEIRO DE OBRAS E ACAMPAMENTOS EXTENSÃO: 191,4 Km LOTE: 02 1 - CUSTO DE INSTALAÇÃO DO CANTEIRO DE OBRAS E ALOJAMENTOS 1.1 - CANTEIRO DE OBRAS 1.1.1 - Edificações Área Fator de Area Custo / m2 Custo Total Equivalente ( m2 ) 5 S 01 000

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMAÇARISECRETARIA DA INFRAESTRUTURA

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMAÇARISECRETARIA DA INFRAESTRUTURA ITEM REFER. ESPECIFICAÇÕES UN QUANT P. UNIT. MELHORAMENTO, RECONSTRUÇÃO E REFORMA DO SISTEMA VIÁRIO NO DISTRITO DE ABRANTES. 1.0 SERVIÇOS PRELIMINARES 1.0.1 ORSE 0004 1.0.2 1.1.4.27 1.0.3 SINAPI 12488

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE Prefeitura do Campus

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE Prefeitura do Campus UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE Prefeitura do Campus Data: 10/03/2013 TAXAS: BDI= 23,08% LS= 86,74% e 48,18% ORÇAMENTO: REFORMA E ADEQUAÇÃO DO PRÉDIO DESTINADO AO PROJETO RONDON LOCAL: CAMPUS UNIVERSITÁRIO

Leia mais

SICRO2. DNIT - Sistema de Custos Rodoviários. Preço Unitário dos Equipamentos RPEP0040. (Valores em R$) Pesquisa: 20/01/2010.

SICRO2. DNIT - Sistema de Custos Rodoviários. Preço Unitário dos Equipamentos RPEP0040. (Valores em R$) Pesquisa: 20/01/2010. A001 Componente para equipamento : Caterpillar : D8T - trator de esteiras A002 Componente para equipamento : Caterpillar : R-8 - escarificador A003 A004 Componente para veículos : Mercedes Benz : ATEGO

Leia mais

Custo Total ENCARREGADO GERAL DE OBRAS H 1 17,46 17,46 Total 17,46

Custo Total ENCARREGADO GERAL DE OBRAS H 1 17,46 17,46 Total 17,46 COMPOSIÇÕES ANALÍTICAS OBRA: CERCAMENTO FAZENDA CAPIM BRANCO LS= 90,64% BDI= 25,36% ORÇAMENTO: CERCAMENTO FAZENDA CAPIM BRANCO MÊS DE REFERÊNCIA SINAPI: JULHO/2015 LOCAL: UBERLÂNDIA - MG DATA: 08/09/2015

Leia mais

ORÇAMENTO GERAL - PONTOS LOCALIZADOS

ORÇAMENTO GERAL - PONTOS LOCALIZADOS MT - DNIT OBJETO: ELIMINAÇÃO DE PONTOS LOCALIZADOS NA BR-364/RO TRECHO: ENTR. BR-174(A) (DIV. MT/RO) - DIV. RO/AC SUBTRECHO: FIM DA PISTA DUPLA - ENTR. RO-387 (P/ ESPIGÃO DO OESTE) SEGMENTO: Km 43,0 -

Leia mais

: RECIFE PARNAMIRIM : ENTR. PE-144 ENTR. PE-180 (BELO JARDIM) : km 178,0 km 182,15 (CIDADE DE BELO JARDIM)

: RECIFE PARNAMIRIM : ENTR. PE-144 ENTR. PE-180 (BELO JARDIM) : km 178,0 km 182,15 (CIDADE DE BELO JARDIM) REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRAESTRUTURA DE TRANSPORTES SUPERINTENDÊNCIA REGIONAL DO ESTADO DE PERNAMBUCO RODOVIA TRECHO SUBTRECHO SEGMENTO EXTENSÃO

Leia mais

COMPOSIÇÕES DO BANCO DE PREÇOS DE SERVIÇOS DE ENGENHARIA DA CAERN - TABELA MAIO 2015 DESONERADA SÉRIE 2000000

COMPOSIÇÕES DO BANCO DE PREÇOS DE SERVIÇOS DE ENGENHARIA DA CAERN - TABELA MAIO 2015 DESONERADA SÉRIE 2000000 REBAIXAMENTO DE LENÇOL FREÁTICO COM PONTEIRAS, SISTEMA À VÁCUO 2010006 00002705 ENERGIA ELETRICA ATE 2000 KWH INDUSTRIAL, SEM DEMANDACR KW/H 1,02800 0,39 0,40 83999 CAMINHÃO TOCO, CARROCERIA FIXA ABERTA

Leia mais

ANEXO XIII - PLANILHA DE COMPOSIÇÃO DE PREÇOS UNITÁRIOS - CPU S

ANEXO XIII - PLANILHA DE COMPOSIÇÃO DE PREÇOS UNITÁRIOS - CPU S COMP005 REMOÇÃO DE INSTALAÇÕES EXISTENTES (ELÉTRICAS, HIDRÁULICAS E ELETRÔNICAS) CJ E0000402 E0000199 CAMINHAO CARROCERIA - DE MADEIRA 15T H 4.8000 1,00 115,35 553.68 GUINDASTE H 1.197,2426 1,00 80,79

Leia mais

Listagem Discriminada

Listagem Discriminada Página 1 de 9 1. REDE - CACIMBA - CENTRO DE MULTIUSO - CAPIVARA II 1. 1. ABERTURA E REATERRO DE VALAS 10 ESCAVACAO MECANICA DE VALAS 1.080,00 M S00006044 RETROESCAVADEIRA C/ CARREG. SOBRE PNEU 75HP C/CONVERS.

Leia mais

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA BDI (CONSTRUÇÃO CIVIL/SERVIÇOS) : 24,18% A PARTE CIVIL 3.864.407,57 4.388.368,63 GRUPO UC CANTEIRO DE OBRAS 5.465,16 5.728,96 1,00 CANTEIRO DE OBRAS 5.465,16 5.728,96 CANTEIRO DE OBRAS E OUTROS 5.465,16

Leia mais

PLANO ANUAL DE TRABALHO E ORÇAMENTO - P.A.T.O.

PLANO ANUAL DE TRABALHO E ORÇAMENTO - P.A.T.O. MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES - DNIT SUPERINTENDÊNCIA REGIONAL DO DNIT NOS ESTADOS DO AMAZONAS E RORAIMA - SRD/AM/RR RODOVIA: BR-230/AM TRECHO: DIV.

Leia mais

COMPOSIÇÕES DO BANCO DE PREÇOS DE SERVIÇOS DE ENGENHARIA DA CAERN - TABELA MAIO 2014 DESONERADA SÉRIE 2000000

COMPOSIÇÕES DO BANCO DE PREÇOS DE SERVIÇOS DE ENGENHARIA DA CAERN - TABELA MAIO 2014 DESONERADA SÉRIE 2000000 REBAIXAMENTO DE LENÇOL FREÁTICO COM PONTEIRAS, SISTEMA À VÁCUO 2010006 00002705 ENERGIA ELETRICA ATE 2000 KWH INDUSTRIAL, SEM DEMANDA KW/H 1,02800 0,35 0,36 83999 CAMINHÃO TOCO, CARROCERIA FIXA ABERTA

Leia mais

MOBILIZAÇÃO, IMPLANTAÇÃO E DESMOBILIZAÇÃO DE CANTEIRO DE OBRAS (UNIDADES FÍSICAS) Unid 1,00 5.900,00 5.900,00

MOBILIZAÇÃO, IMPLANTAÇÃO E DESMOBILIZAÇÃO DE CANTEIRO DE OBRAS (UNIDADES FÍSICAS) Unid 1,00 5.900,00 5.900,00 UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI OBRA: CONSTRUÇÃO DA ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ESGOTO - ETE CAMPUS PRESIDENTE JUSCELINO KUBITSCHEK - DIAMANTINA - MG ORÇAMENTO BÁSICO ITEM DESCRIÇÃO

Leia mais

PLANILHA RESUMO DO ORÇAMENTO

PLANILHA RESUMO DO ORÇAMENTO PLANILHA RESUMO DO ORÇAMENTO LOCAL: Av. Presidente Affonso Camargo, 330 - Jardim Botânico FINALIDADE: Viário - Estação Rodoviária de Curitiba - META 1 Item Discriminação Custo Total Incidência (R$) % 1.

Leia mais

CONSTRUÇÃO DO PÁTIO DE ARMAZENAMENTO DE COQUE REFINARIA ABREU E LIMA S.A. Área de Expedição e Manuseio de Coque RNEST Área-68

CONSTRUÇÃO DO PÁTIO DE ARMAZENAMENTO DE COQUE REFINARIA ABREU E LIMA S.A. Área de Expedição e Manuseio de Coque RNEST Área-68 CONSTRUÇÃO DO PÁTIO DE ARMAZENAMENTO DE COQUE REFINARIA ABREU E LIMA S.A Área de Expedição e Manuseio de Coque RNEST Área-68 1. INFORMAÇÕES GERAIS 21/07/2011 2 CARACTERÍSTICAS Escopo: Execução, sob o regime

Leia mais

DERPE - Departamento de Estradas de Rodagem de Pernambuco 17/03/2014-09:10

DERPE - Departamento de Estradas de Rodagem de Pernambuco 17/03/2014-09:10 Referencial de Equipamentos - Sintético Página: 1 de 6 Tabela de preços: Março/2014 (Encargos Sociais desonerados) Data Base: 01/03/2014 Misturador Horizontal 1 Diesel 85,25 7,61 olicorte de mesa 1 Diesel

Leia mais

file://///192.168.0.100/clientes/sinduscon/cub/fevereiro_2006.htm

file://///192.168.0.100/clientes/sinduscon/cub/fevereiro_2006.htm 1 of 6 18/12/2013 15:38 Prezados Senhores, As tabelas abaixo transcritas se referem aos custos unitários básicos de construção (m 2 ), calculadas conforme a Lei 4.591 de 16/12/64 e o disposto na NBR-12.721/99

Leia mais

CONSTRUÇÃO - BLOCO DE PESQUISADORES - PAVIMENTO TÉRREO

CONSTRUÇÃO - BLOCO DE PESQUISADORES - PAVIMENTO TÉRREO ANEXO XII PLANILHA ORÇAMENTÁRIA PLANILHA DE ORÇAMENTO UNIDADE: Embrapa Algodão Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária- Embrapa Coordenadoria de Engenharia e Arquitetura-CEN/DRM OBRA: AMPLIAÇÃO DOS

Leia mais

UNIVERSIDADE DE CAMPINAS

UNIVERSIDADE DE CAMPINAS UNIVERSIDADE DE CAMPINAS LABORATÓRIO DE RISERS E SISTEMAS MARÍTIMOS DE PRODUÇÃO DE PETRÓLEO LABRISER ETAPA 1 MEMORIAL DESCRITIVO Este MEMORIAL DESCRITIVO foi elaborado pela GRACO Graco Projetos, Empreendimentos

Leia mais

ERRATA (Minas Gerais - Julho/2013)

ERRATA (Minas Gerais - Julho/2013) DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRAESTRUTURA DE TRANSPORTES DIRETORIA EXECUTIVA COORDENAÇÃO GERAL DE CUSTOS DE INFRAESTRUTURA SISTEMA DE CUSTOS RODOVIÁRIOS SICRO 2 ERRATA ( - Julho/2013) Em função de erro no

Leia mais

Relação de Salários Maio/2010

Relação de Salários Maio/2010 Pág.: 1 Relação de s ADMINISTRATIVO ZELADOR (A) 520,33 769,53 174,93 ENGENHEIRO CIVIL 3.721,14 4.894,25 2.579,95 CONTADOR 2.030,59 2.955,70 1.512,68 AUX DE ESCRITORIO 1.048,15 734,63 667,99 ESCRITURARIO

Leia mais

TABELA DE COMPOSIÇÃO DE INSUMOS

TABELA DE COMPOSIÇÃO DE INSUMOS 01 SERVICOS PRELIMINARES 01.01 LIMPEZA DO TERRENO 01.01.01 RETIRANDO A VEGETACAO, TRONCOS ATE 5CM DE DIAMETRO E RASPAGEM H 0,25000 2,67 0,66750 0,66750 LS: 0,81435 SubMO: 1,48185 Materiais: 0,00000 BDI:

Leia mais

PROJETO BÁSICO DE PAVIMENTAÇÃO

PROJETO BÁSICO DE PAVIMENTAÇÃO GOVERNO DO ESTADO DE MATO GROSSO AGÊNCIA ESTADUAL DE EXECUÇÃO DOS PROJETOS DA COPA DO MUNDO DO PANTANAL FIFA 2014 PROJETO BÁSICO DE PAVIMENTAÇÃO OBRA: TRECHO: LOCAL: EXTENSÃO: ADEQUAÇÃO DO SISTEMA VIÁRIO

Leia mais

Prefeitura Municipal de Vera Cruz MEMORIAL DESCRITIVO

Prefeitura Municipal de Vera Cruz MEMORIAL DESCRITIVO Prefeitura Municipal de Vera Cruz MEMORIAL DESCRITIVO Obra: Infra-estrutura urbana Pavimentação Asfáltica, Micro-drenagem, e Rede água potável. Município: Vera Cruz/RS Local da obra: Rua Cipriano O presente

Leia mais

ANEXO A - LOTE I RELATÓRIO DE ORÇAMENTO - QUADRA ESPORTIVA COBERTA NO MUNICÍPIO DE BARRO ITEM COMP DESCRIÇÃO UNID. QUANT. VALOR UNIT.

ANEXO A - LOTE I RELATÓRIO DE ORÇAMENTO - QUADRA ESPORTIVA COBERTA NO MUNICÍPIO DE BARRO ITEM COMP DESCRIÇÃO UNID. QUANT. VALOR UNIT. ANEXO A - LOTE I RELATÓRIO DE ORÇAMENTO - QUADRA ESPORTIVA COBERTA NO MUNICÍPIO DE BARRO GRUPO 1 INSTALAÇÃO DO CANTEIRO DA OBRA 20.149,62 GRUPO 2 LOCAÇÃO DA OBRA 4.969,44 GRUPO 3 MOVIMENTO DE TERRA 47.909,63

Leia mais

1.1.4 253 ALMOXARIFE CODIGO DESCRIÇÃO UN COEFIC. PREÇO UNIT. SUBTOTAL 253 ALMOXARIFE H 220,00 11,57 2.545,40 VALOR TOTAL DO ITEM 2.

1.1.4 253 ALMOXARIFE CODIGO DESCRIÇÃO UN COEFIC. PREÇO UNIT. SUBTOTAL 253 ALMOXARIFE H 220,00 11,57 2.545,40 VALOR TOTAL DO ITEM 2. UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI PISTA DE ATLETISMO CAMPUS PRESIDENTE JUSCELINO KUBITSCHEK - DIAMANTINA - MG COMPOSIÇÃO DE CUSTO ITEM CODIGO DESCRIÇÃO UN QTDE P.TOTAL UNITÁRIO PREÇO

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO. 2.1.1 - LEVANTAMENTO TOPOGRÁFICO Os níveis marcados na Planta de Implantação deverão ser rigorosamente obedecidos.

MEMORIAL DESCRITIVO. 2.1.1 - LEVANTAMENTO TOPOGRÁFICO Os níveis marcados na Planta de Implantação deverão ser rigorosamente obedecidos. MEMORIAL DESCRITIVO PROPRIETÁRIO : Prefeitura Municipal de Irai OBRA : Construção de ponte em concreto armado de 4,50m de largura x 25,00m de vão total e 5,33m de altura total. LOCAL : Linha Corticeira

Leia mais

PERCENTUAL DE REAJUSTE DO PISO AUMENTO REAL PISO 3,61%

PERCENTUAL DE REAJUSTE DO PISO AUMENTO REAL PISO 3,61% DATA BASE INPC SINDICATOS SALÁRIOS NORMATIVOS SALÁRIO NEGOCIADO PERCENTUAL DE REAJUSTE DO PISO AUMENTO REAL PISO PERCENTUAL DE REAJUSTE DE ALIMENTAÇÃO REAJUSTE GERAL AUMENTO REAL REAJUSTE GERAL OBSERVAÇÃO

Leia mais

CLIENTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE ITAPIRANGA

CLIENTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE ITAPIRANGA CLIENTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE ITAPIRANGA OBRA: ESTAÇÃO ELEVATÓRIA PARA ESGOTO - ELEVADO RESPONSÁVEL TÉCNICO: ENG. CIVIL MICHAEL MALLMANN MUNICÍPIO: ITAPIRANGA - SC 1 INSTALAÇÕES PROVISÓRIAS Deve ser

Leia mais

1.1 - Noções Gerais... 21

1.1 - Noções Gerais... 21 SUMÁRlO 1ª parte - TERRAPlENAGEM CAPíTULO 1 - GENERALIDADES 1.1 - Noções Gerais............................................................ 21 1.1.1 - Introdução à terraplenagem...... 21 1.1.2 - Histórico...

Leia mais

CENTRAIS ELÉTRICAS DE RONDÔNIA S/A - CERON GERÊNCIA DE EXPANSÃO DE SISTEMAS - TGE

CENTRAIS ELÉTRICAS DE RONDÔNIA S/A - CERON GERÊNCIA DE EXPANSÃO DE SISTEMAS - TGE CENTRAIS ELÉTRICAS DE RONDÔNIA S/A - CERON GERÊNCIA DE EXPANSÃO DE SISTEMAS - TGE COMPOSIÇÃO ANALÍLITICA DE PREÇOS UNITÁRIOS CONSTRUÇÃO DA SUBESTAÇÃO DE SÃO MIGUEL - 69/13,8 kv - 5,0/6,25 MVA DESCRIÇÃO

Leia mais

ESTRUTURA DE CONCRETO ARMADO REFORMA E ADAPTAÇÃO DA AC TRINDADE- DR/GO

ESTRUTURA DE CONCRETO ARMADO REFORMA E ADAPTAÇÃO DA AC TRINDADE- DR/GO C A D E R N O D E E S P E C I F I C A Ç Õ E S ESTRUTURA DE CONCRETO ARMADO REFORMA E ADAPTAÇÃO DA AC TRINDADE- DR/GO S E Ç Ã O D E P R O J E T O S E O B R A S SEPO/GEREN/DR/GO OBRA: REFORMA E ADAPTAÇÃO

Leia mais

DNIT MANUAL DE CUSTOS RODOVIÁRIOS ANEXO 1 MANUAL DE PESQUISA DE PREÇOS DE EQUIPAMENTOS E MATERIAIS

DNIT MANUAL DE CUSTOS RODOVIÁRIOS ANEXO 1 MANUAL DE PESQUISA DE PREÇOS DE EQUIPAMENTOS E MATERIAIS DNIT MANUAL DE CUSTOS RODOVIÁRIOS ANEXO 1 MANUAL DE PESQUISA DE PREÇOS DE EQUIPAMENTOS E MATERIAIS 2003 MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES - DNIT MINISTRO

Leia mais

R E P Ú B L I C A F E D E R A T I V A D O B R A S I L M I N I S T É R I O D O S T R A N S P O R T E S

R E P Ú B L I C A F E D E R A T I V A D O B R A S I L M I N I S T É R I O D O S T R A N S P O R T E S R E P Ú B L I C A F E D E R A T I V A D O B R A S I L M I N I S T É R I O D O S T R A N S P O R T E S Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes - DNIT Superintendência Regional no Estado

Leia mais

DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADO DO EXERCÍCIO

DEMONSTRAÇÃO DE RESULTADO DO EXERCÍCIO (-) RESULTADO LIQUIDO DO PERIODO R$ (1.530.403,65) (-) RESULTADO OPERACIONAL R$ (2.277.862,58) RECEITA OPERACIONAL R$ 14.478.475,92 RECEITA BRUTA R$ 16.039.707,46 RECEITA DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO R$ 7.649.244,47

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DE OBRAS E VIAÇÃO ESCRITÓRIO DE PROJETOS E OBRAS TABELA DE PREÇOS PARA OBRAS VIÁRIAS LEIS

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE SECRETARIA MUNICIPAL DE OBRAS E VIAÇÃO ESCRITÓRIO DE PROJETOS E OBRAS TABELA DE PREÇOS PARA OBRAS VIÁRIAS LEIS SMOV 001 ARGAMASSA CIMENTO E AREIA TRAÇO 1:3 (confecção) m³ 359,18 SMOV 002 ARGAMASSA CIMENTO E AREIA TRAÇO 1:4 (confecção) m³ 305,70 SMOV 003 ARGAMASSA CIMENTO E AREIA TRAÇO 1:5 (confecção) m³ 273,43

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO. * escavação dos materiais constituintes do terreno natural até o greide de terraplenagem indicado no projeto;

MEMORIAL DESCRITIVO. * escavação dos materiais constituintes do terreno natural até o greide de terraplenagem indicado no projeto; MEMORIAL DESCRITIVO Município: Piratini/RS Local da obra: Rua 24 de Maio, Rua Princesa Isabel e Rua Rui Ramos. Área total: 12.057,36 m² 1) Introdução: O presente Memorial Descritivo tem por finalidade

Leia mais

Prefeitura Municipal de Vera Cruz MEMORIAL DESCRITIVO

Prefeitura Municipal de Vera Cruz MEMORIAL DESCRITIVO Prefeitura Municipal de Vera Cruz MEMORIAL DESCRITIVO Obra: Infra-estrutura urbana Pavimentação Asfáltica, Micro-drenagem e Sinalização Horizontal/Vertical Município: Vera Cruz/RS Local da obra: Rua São

Leia mais

ACABAMENTOS Revestimentos (Tipos de Acabamento e área em m²) Parede Teto Piso. (m²) (m) Tipo (m²) Tipo (m²) Tipo (m²) Tipo (m)

ACABAMENTOS Revestimentos (Tipos de Acabamento e área em m²) Parede Teto Piso. (m²) (m) Tipo (m²) Tipo (m²) Tipo (m²) Tipo (m) 1 de 13 Nome Ambientes Área Pédireito Sala sala 9,00 3,00 Quarto q2 9,00 3,00 Quarto q1 9,00 3,00 Cozinha/Área Serviço cozcopa ACABAMENTOS Revestimentos (Tipos de Acabamento e área em m²) Parede Teto Piso

Leia mais

PLANO ANUAL DE TRABALHO E ORÇAMENTO - PATO

PLANO ANUAL DE TRABALHO E ORÇAMENTO - PATO REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES SUPERINTENDÊNCIA REGIONAL NOS ESTADOS DE RONDÔNIA E ACRE Rodovias: BR 364 / RO Trecho:

Leia mais

CATÁLOGO TÉCNICO. Planejamento e Gestão de logística; Mecanização de mão de obra.

CATÁLOGO TÉCNICO. Planejamento e Gestão de logística; Mecanização de mão de obra. CATÁLOGO TÉCNICO A LOKMAX oferece soluções aos seus clientes com o desenvolvimento de trabalhos pioneiros e desafiadores, atuando principalmente nos segmentos de: Planejamento e Gestão de logística; Mecanização

Leia mais

RELATÓRIO DE COMPOSIÇÕES

RELATÓRIO DE COMPOSIÇÕES REATÓRIO DE COMPOSIÇÕES CÓDIGO DESCRIÇÃO D CONSUMO 50 CUSTO ORARIO DE EQUIPAMENTO 50.01 ACABADORA DE ASFATO, AMA E VASSOURA MECANICA 50.01.08 CP/ACABADORA DE ASFATO SA 114, 97 P 54.01.08 ACABADORA DE ASFATO

Leia mais

MINISTRO DOS TRANSPORTES Alfredo Pereira do Nascimento. DIRETOR GERAL DO DNIT Luiz Antônio Pagot. DIRETOR EXECUTIVO José Henrique Coelho Sadok de Sá

MINISTRO DOS TRANSPORTES Alfredo Pereira do Nascimento. DIRETOR GERAL DO DNIT Luiz Antônio Pagot. DIRETOR EXECUTIVO José Henrique Coelho Sadok de Sá DNIT MINISTRO DOS TRANSPORTES Alfredo Pereira do Nascimento DIRETOR GERAL DO DNIT Luiz Antônio Pagot DIRETOR EXECUTIVO José Henrique Coelho Sadok de Sá MANUAL DE CUSTOS DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES

Leia mais

RELATÓRIO DE RESULTADOS

RELATÓRIO DE RESULTADOS R E L A T Ó R I O n º 2 1 2 7 RELATÓRIO DE RESULTADOS Preparado para: EPE EMPRESA DE PESQUISA ENERGÉTICA Rio de Janeiro, 13 de julho de 2012. À EPE Empresa de Pesquisa Energética Av. Rio Branco, 01-11º

Leia mais

PISOS SALARIAIS DOS TRABALHADORES DA CONSTRUÇÃO PESADA EM GOIÁS DE 01 DE MAIO DE 2014 A 30 DE ABRIL DE 2015

PISOS SALARIAIS DOS TRABALHADORES DA CONSTRUÇÃO PESADA EM GOIÁS DE 01 DE MAIO DE 2014 A 30 DE ABRIL DE 2015 PISOS SALARIAIS DOS TRABALHADORES DA CONSTRUÇÃO PESADA EM GOIÁS DE 01 DE MAIO DE 2014 A 30 DE ABRIL DE 2015 No mês de maio, os empregadores representados pela Entidade Patronal, dentro da área de jurisdição

Leia mais

Fevereiro CUSTO HORÁRIO DE EQUIPAMENTOS TAXAS: LS= 86,34%

Fevereiro CUSTO HORÁRIO DE EQUIPAMENTOS TAXAS: LS= 86,34% 3001-HI Trator de esteiras, com lâmina, diesel 110 hp (82 kw) H 87,35 3001-HP Trator de esteiras, com lâmina, diesel 110 hp (82 kw) H 189,95 3003-HI Trator de Esteiras, com lâmina, diesel 305 hp (228 kw)

Leia mais

SUMÁRIO. 1 As máquinas possibilitam a construção 1. 4 Solos e rochas 94. 5 Equipamentos para compactação e estabilização do terreno 118

SUMÁRIO. 1 As máquinas possibilitam a construção 1. 4 Solos e rochas 94. 5 Equipamentos para compactação e estabilização do terreno 118 SUMÁRIO 1 As máquinas possibilitam a construção 1 Ser competitivo 1 A história dos equipamentos de construção 3 O setor da construção civil 10 Segurança 11 Os contratos de construção civil 13 O planejamento

Leia mais

DNIT MANUAL DE CUSTOS RODOVIÁRIOS VOLUME 4 COMPOSIÇÕES DE CUSTOS UNITÁRIOS DE REFERÊNCIA OBRAS DE CONSTRUÇÃO RODOVIÁRIA TOMO 4

DNIT MANUAL DE CUSTOS RODOVIÁRIOS VOLUME 4 COMPOSIÇÕES DE CUSTOS UNITÁRIOS DE REFERÊNCIA OBRAS DE CONSTRUÇÃO RODOVIÁRIA TOMO 4 DNIT MANUAL DE CUSTOS RODOVIÁRIOS VOLUME 4 COMPOSIÇÕES DE CUSTOS UNITÁRIOS DE REFERÊNCIA OBRAS DE CONSTRUÇÃO RODOVIÁRIA TOMO 4 DRENAGEM E OUTROS CUSTOS II 2003 MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL

Leia mais

COMPOSIÇÃO DE PREÇO UNITÁRIO

COMPOSIÇÃO DE PREÇO UNITÁRIO COMPOSIÇÃO DE PREÇO CÓDIGO: 01.000.00 SERVIÇO: DESMATAMENTO, DESTOCAMENTO, LIMPEZA ÁREA C/ ÁRVORES DE Ø ATÉ 0,15M : m² E.0.03 TRATOR DE ESTEIRAS C/ LÂMINA CAT-D8R 1,00 PROD. IMPROD. 1,00 - OPERACIONAL

Leia mais

SOBRE A TABELA DE CUSTOS:

SOBRE A TABELA DE CUSTOS: SOBRE A TABELA DE CUSTOS: As composições de custos unitários de serviços aqui apresentadas integram o banco de dados de composições genéricas da PINI resumido no livro TCPO14 - Tabelas de Composições de

Leia mais

Livro: Equipamentos de construção e conservação

Livro: Equipamentos de construção e conservação Livro: Equipamentos de construção e conservação 1 - SÍNTESE DAS MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS DEFINIÇÕES Ferramenta Máquina Simples Composta (máquina propriamente dita) Equipamento Implemento Acessório ELEMENTOS

Leia mais

COMPOSIÇÕES DE CUSTOS UNITÁRIOS

COMPOSIÇÕES DE CUSTOS UNITÁRIOS Item: 7 1 1 Serviço: ALVENARIA DE BLOCO DE CONCRETO 19X19X39 CM PEDREIRO H 0,740 9,25 6,85 SERVENTE H 0,740 7,04 5,21 Total 12,05 ARGAMASSA MISTA DE CIMENTO, CAL HIDRATADA E AREIA SEM PENEIRAR TRACO M3

Leia mais

Tapume de chapa de madeira compensada de 10mm

Tapume de chapa de madeira compensada de 10mm PÁGINA 0001 020202 Limpeza do terreno,000000 UNIDADE: M2 ITEM: 0101 MO 1 SERVENTE H 0,250000 2,76 0,6900 36,13 020410 Tapume de chapa de madeira compensada de 10mm LEIS SOCIAIS -> 1,22 63,87 SUB-TOTAL

Leia mais

Grupo 30.24 A - Material de construção

Grupo 30.24 A - Material de construção O catálogo do grupo 30.24 A contém as especificações de material de construção. Os itens que estão destacados com a mesma coloração significam que possuem a mesma descrição, no entanto, possuem diferentes

Leia mais

equipe técnica: SINAPI - Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil data: julho 2010

equipe técnica: SINAPI - Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil data: julho 2010 Engenharia de Custos SINAPI - Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil Composições de Custos na visão da Engenharia de Custos data: julho 2010 Arq. - Mário Sergio Pini Eng.

Leia mais

26,04 Montador h 0,2200 3,63 0,80

26,04 Montador h 0,2200 3,63 0,80 UNIFAP COMPOSIÇÕES Telha metálica trapezoidal - m² Unid. Quant. Preço unit. Valor parcial Valor total Cód. SINAPI Telha de aço galvalume trapezoidal tipo sanduíche (antirruído/antitérmica) e=0,5mm * m²

Leia mais

EMOP - Outubro/2013. m x m = m² 3.281,25 0,60 1.968,75 1.968,75 m²

EMOP - Outubro/2013. m x m = m² 3.281,25 0,60 1.968,75 1.968,75 m² 01 01 1.1 01.018.0001-0 PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE TRÊS RIOS Centro - /RJ Marcação de obra sem instrumento topográfico, considerada a projeção horizontal da área envolvente 3.281,25 0,60 1.968,75 1.968,75

Leia mais