SANTA CATARINA EM DADOS

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "SANTA CATARINA EM DADOS"

Transcrição

1 SANTA CATARINA Realização:

2

3 SANTA CATARINA UNIDADE DE POLÍTICA ECONÔMICA E INDUSTRIAL DIRETORIA DE RELAÇÕES INDUSTRIAIS E INSTITUCIONAIS SANTA CATARINA FLORIANÓPOLIS V.21 p

4 Elaboração Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina - FIESC Diretoria de Relações Industriais e Institucionais Unidade de Política Econômica e Industrial PEI Equipe Técnica Márcia Camilli Angelita V. Vieira Helayel Ana Lúcia Teixeira Pablo Setúbal Direção de arte / Produção gráfica Luiz Acácio de Souza Edição de arte João Henrique Moço Revisão Sérgio Ribeiro Todos os direitos reservados e protegidos pela Lei 5.988, de 14/12/73. F 293 Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina. Santa Catarina em Dados / Unidade de Política Econômica e Industrial. - Florianópolis: FIESC,. 156p. : il. ; 31 cm Publicação anual. 1. Economia catarinense Indicadores de desempenho. 2. Indústria catarinense - Indicadores de desempenho. I. Título. CDU 33(816.4) FIESC Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina Rodovia Admar Gonzaga, Itacorubi - Florianópolis/SC. CEP Fone: (48) Fax: (48)

5 SANTA CATARINA Apresentação A FIESC faz chegar às suas mãos o mais completo anuário sobre a economia catarinense. A publicação intitulada Santa Catarina em Dados contempla um conjunto de informações imprescindíveis à tomada de decisão dos empresários, especialmente no contexto atual de mudanças significativas na economia global. O trabalho, que chega à 21ª edição, se consolida como uma fonte de consulta de dados nacionais, estaduais e regionais sobre emprego, produção de todos os segmentos e comportamento da indústria. Além disso, destacamos a arrecadação das receitas federais no estado que em 2010 registrou o segundo maior crescimento do país. Santa Catarina, estado com a maior expectativa de vida do Brasil, tem também o maior Produto Interno Bruto Industrial per capita. São resultados importantes que contam com a participação da indústria, que comemora a marca de 736 mil trabalhadores com carteira assinada em A produção e a distribuição de informações precisas, sempre com vistas à competitividade, é uma das contribuições da FIESC para o desenvolvimento de Santa Catarina. Glauco José Côrte Presidente do Sistema FIESC 3

6 SANTA CATARINA Sumário 11 Localização Geográfica 12 Catarinenses vivem mais 15 Santa Catarina Industrial 16 Diversidade Industrial 18 Dados Regionais 42 Perfil das Indústrias 62 População e Área População residente, área e densidade demográfica nos municípios catarinenses em Área e população residente em Santa Catarina por situação de domicílio e sexo em Participação da população economicamente ativa (PEA) na população residente de Santa Catarina, com 10 anos ou mais, em Distribuição da população catarinense e brasileira com 10 anos ou mais de idade, por faixa de rendimento médio mensal em salários mínimos, em Estados com maiores expectativas de vida em 2001 e Estados com menores taxas de analfabetismo das pessoas de 15 anos ou mais de idade em 2001 e Distribuição dos domicílios catarinenses segundo algumas características, em

7 Sumário 72 Carvão Mineral e Cimento Produção de carvão mineral bruto (ROM) de 2008 a Produção de carvão mineral energético (vendável) de 2008 a Consumo de Carvão em 2009 e Consumo de cimento portland em 2008 e Produção de cimento portland em 2008 e Produção Agrícola e Extração Vegetal Produção agrícola catarinense, safras 2009/2010 e 2010/ Comparativo da safra 2010 catarinense com a nacional, segundo os principais produtos Produção das principais culturas de extração vegetal catarinenses em 2008 e 2009 (Alimentícios) Produção dos principais produtos da extração vegetal catarinense em 2008 e 2009 (Madeiras) Produção dos principais produtos da silvicultura catarinense em 2008 e 2009 (Madeiras) Produção Animal Abate de aves, suínos e bovinos em Santa Catarina em 2009 e Efetivo animal de Santa Catarina em Maiores estados produtores de carne suína do Brasil em 2009 e Maiores estados produtores de frango do Brasil em 2009 e Quantidade produzida dos derivados animais, em Santa Catarina, em Produção de pescado nacional por estado, em 2008 e Produção pesqueira industrial de SC em 2009 e 2010, por cidades Produção de moluscos comercializados em Santa Catarina de 2000 a Produção de camarões comercializados, cultivados em Santa Catarina de 2001 a Energia Consumo (vendas), pelas distribuidoras, dos derivados combustíveis de petróleo e etanol em SC nos anos 2008, 2009 e Consumo de Gás Natural em SC nos anos 2009 e Número de clientes de gás natural em Santa Catarina em 2009 e

8 SANTA CATARINA Consumo de energia elétrica por classe, na área de concessão da Celesc, em 2009 e 2010 (Cativo + Livre) Consumo de energia elétrica na área de concessão da Celesc, por gênero industrial, em 2009 e 2010 (Cativo + Livre) Número de unidades consumidoras de energia elétrica, por classe, na área de concessão da Celesc, em 2009 e 2010 (Cativo + Livre) Balanço anual de energia elétrica da Celesc em 2009 e Número de consumidores de energia elétrica em SC, por gênero industrial, em 2009 e 2010 (Cativo + Livre) Infraestrutura e Transporte Rodovias Federais existentes em Distribuição, em porcentagem, da frota de autoveículos por unidades da Federação em Licenciamento de autoveículos novos nos estados da Região Sul em 2010 (unidades) Vendas internas no atacado de máquinas agrícolas automotrizes nos estados da Região Sul em 2010 (unidades) Rede de Aeródromos Públicos em Número de Aeródromos em Santa Catarina em 2009 e Movimentação de cargas aéreas no aeroporto Hercílio Luz - Florianópolis de 2000 a Movimentação de cargas aéreas no aeroporto de Joinville de 2003 a Movimentação de cargas no aeroporto de Navegantes de 2003 a Movimentação de aeronaves nos aeroportos operados pela INFRAERO em Santa Catarina, de 2005 a Movimentação de passageiros nos aeroportos operados pela INFRAERO em Santa Catarina, de 2005 a Modais de transporte utilizados nas exportações de Santa Catarina em 2009 e Modais de transporte utilizados nas importações de Santa Catarina em 2009 e Movimentação de cargas nos portos de Santa Catarina, em 2009 e Dados gerais dos portos de Santa Catarina

9 Sumário 98 Turismo Movimento Estimado de Turistas em Santa Catarina de jul/08 a jun/ Estimativa da receita gerada pelo turismo em Santa Catarina, de julho de 2008 a junho de Permanência média dos turistas em Santa Catarina e gasto médio diário estimado por turista, de julho de 2008 a junho de Principais mercados nacionais emissores de turistas para Santa Catarina de jul/08 a jun/ Principais meios de hospedagem utilizados pelos turistas em Santa Catarina no período de jul/08 a jun/ Principais veículos de propaganda que influenciaram na escolha do destino de viagem de jul/08 a jun/ Motivo da viagem a Santa Catarina no período de jul/08 a jun/ Agências de turismo cadastradas no Ministério do Turismo, por estados, em Oferta hoteleira, cadastrada no Ministério do Turismo, por estados, em Organizadoras de eventos (congressos, convenções e congêneres) cadastradas no Ministério do Turismo, por estados em Organizadoras de feiras, exposições e congêneres cadastradas no Ministério do Turismo, em Prestadoras de serviços de infraestrutura para eventos cadastradas no Ministério do Turismo, em 2010, por estados Principais destinos turísticos escolhidos na última viagem nacional Principais destinos turísticos pretendidos para visitar nos próximos dois anos Chegada de turistas internacionais ao Brasil, por Unidades da Federação, em 2009 e Chegada de turistas internacionais em Santa Catarina, segundo as vias de acesso, em 2009 e Entradas de turistas internacionais por Santa Catarina, de acordo com os continentes de residência permanente em 2009 e Chegada de turistas internacionais por Santa Catarina segundo alguns países de origem em 2009 e Taxa de ocupação média dos hotéis associados à ABIH por região turística e segmentação, em

10 SANTA CATARINA 107 Comércio Exterior Exportações catarinenses por capítulos da NCM em 2009 e Exportações catarinenses para o Mercosul por capítulos da NCM em 2009 e Principais empresas exportadoras em Principais municípios exportadores de SC em Exportações catarinenses para países do Mercosul em 2009 e Principais estados exportadores do Brasil em 2009 e Principais países compradores de produtos catarinenses em 2009 e Exportações catarinenses e brasileiras de 2000 a Exportações catarinenses para Blocos Econômicos em 2009 e Exportações catarinenses por fatores agregados de 2000 a 2010 (US$ FOB mil) Exportações catarinenses por categorias de uso em 2009 e Número de empresas exportadoras por municípios catarinenses em 2009 e Importações brasileiras por estados em 2009 e Importações catarinenses, segundo os principais países, em 2009 e Importações catarinenses e brasileiras de 2000 a Importações catarinenses dos Blocos Econômicos em 2009 e Importações catarinenses segundo os principais capítulos da NCM em 2009 e Principais empresas importadoras em 2009 e Principais municípios importadores de Santa Catarina em 2009 e Balança comercial catarinense de 2000 a Intercâmbio comercial catarinense com o Mercosul de 2000 a Importações catarinenses por fatores agregados de 2000 a Importações catarinenses por categorias de uso em 2009 e Tributos Arrecadação do ICMS em Santa Catarina por setor de atividade econômica em 2009 e Arrecadação do ICMS em Santa Catarina por subsetor de atividade em 2009 e Arrecadação de ICMS em Santa Catarina, em 2010, por mesorregiões Arrecadação do ICMS por estados e regiões em 2009 e

11 Sumário Principais municípios catarinenses em arrecadação do ICMS em Arrecadação do ICMS, IPVA e Taxas, de 2003 a 2010, em Santa Catarina (valores constantes) Desempenho das receitas tributárias em Santa Catarina, em 2009 e Repasse do ICMS aos municípios catarinenses em Arrecadação das receitas federais em Santa Catarina, em Arrecadação da Receita Federal por estados em 2009 e Comércio Constituição de empresas em Santa Catarina em 2009 e Extinção de empresas em Santa Catarina em 2009 e Comportamento do volume de vendas no comércio catarinense, por atividades, em Comportamento do volume de vendas do comércio varejista ampliado, por estados, de 2008 a Número de estabelecimentos e trabalhadores no comércio catarinense em Número de Estabelecimentos e Trabalhadores Número de estabelecimentos e trabalhadores, por atividade, em Santa Catarina, no ano Número de estabelecimentos, por atividade e tamanho, em Santa Catarina, no ano de Número de trabalhadores, por atividade e tamanho do estabelecimento, em Santa Catarina, no ano de Número de estabelecimentos por atividade econômica, em alguns municípios catarinenses selecionados, em Número de trabalhadores, por atividade econômica, em alguns municípios catarinenses selecionados, no ano de Número de trabalhadores em Santa Catarina por atividade econômica e grau de instrução, no ano de Número de trabalhadores em Santa Catarina por atividade e sexo, no ano de Número de trabalhadores por atividades, nas microrregiões de Santa Catarina, em Número de estabelecimentos por atividades, nas microrregiões de Santa Catarina, em Número de estabelecimentos e empregados na indústria de transformação brasileira, em Número de estabelecimentos e empregados na indústria da construção civil catarinense, em

12 SANTA CATARINA Sumário 141 Comportamento Industrial Comportamento da produção física industrial catarinense em 2009 e Comportamento da produção industrial por estados, de 2008 a Comportamento anual da Produção e Vendas Industriais em Santa Catarina de 2001 a Comportamento das vendas e utilização da capacidade instalada na indústria catarinense de transformação em 2009 e Comportamento das vendas e da utilização da capacidade instalada na indústria de transformação brasileira em 2009 e Comportamento do emprego em Santa Catarina, por atividades, em Evolução do emprego formal em alguns municípios catarinenses, em Seguro Desemprego: número de segurados e valores emitidos em Santa Catarina nos anos de 2008, 2009 e PIB catarinense de 2002 a 2008 (valores correntes) Participação dos setores no PIB catarinense de 2004 a PIB a preço de mercado corrente e PIB per capita por estados, em PIB Industrial per capita por Unidades da Federação em Municípios catarinenses com maiores valores de PIB total em 2007 e Participação dos segmentos de atividade na indústria de transformação catarinense e sobre igual setor nacional, levando em consideração o Valor da Transformação Industrial (VTI) em 2008 e Remuneração média mensal do trabalhador industrial de Santa Catarina em 2009 e Faturamento médio mensal da indústria catarinense, por setor de atividade, em 2009 e Destino das vendas da indústria catarinense em 2009 e

13 SANTA CATARINA Localização Geográfica Caracas VENEZUELA BRASIL DF Brasília PARAGUAI Assunção PR SP RJ Rio de Janeiro São Paulo Curitiba ARGENTINA URUGUAI RS Montevidéu Buenos Aires SC Porto Alegre Florianópolis Santa Catarina situa-se na América do Sul, mais precisamente na região Sul do Brasil. Ao norte faz fronteira com o estado do Paraná, ao sul com o estado do Rio Grande do Sul, a leste com o Oceano Atlântico e a oeste com a República Argentina. Está localizada em uma posição estratégica no Mercosul. A capital, Florianópolis, está a km de Buenos Aires (Argentina) a km de Assunção (Paraguai), a km de Montevidéu (Uruguai), a 705 km de São Paulo, a km do Rio de Janeiro e a km de Brasília. O território catarinense está entre os paralelos 25º e 29º de latitude Sul e entre os meridianos 48º e 53º de longitude Oeste. 11

14 SANTA CATARINA Catarinenses vivem mais De acordo com a Síntese dos Indicadores Sociais 2010 do IBGE, a expectativa de vida ao nascer em Santa Catarina é de 75,8 anos. Valor que empata com o do Distrito Federal, sendo as maiores expectativas do país. Os dados são de 2009, base das informações do IBGE. O brasileiro vive em média 73,1 anos, sendo que há variações distintas entre os estados e sexos. As mulheres vivem 7,6 anos a mais que os homens no Brasil e em Santa Catarina a diferença é de 6,5 anos. A expectativa de vida das catarinenses é de 79,1 anos enquanto que a dos homens é de 72,6 anos. Os estados nas melhores posições, depois de Santa Catarina e Distrito Federal são Rio Grande do Sul (75,5 anos), Minas Gerais (75,1), São Paulo (74,8) e Paraná (74,7). Nas piores posições estão Alagoas (67,6), Maranhão (68,4), Pernambuco (69,1), Piauí (69,7) e Paraíba (69,8). A região em que as pessoas vivem mais é a Sul, com expectativa de vida de 75,2 anos, seguida pelo Sudeste (74,6) e pelo Centro-Oeste (74,3). No Norte a expectativa é de 72,2 anos e no Nordeste de 70,4. Apesar das desigualdades regionais, na última década houve um crescimento da expectativa de vida do brasileiro, que saltou de 70 anos em 1999 para 73,1 anos em Segundo o IBGE, o aumento reflete a melhoria, nos últimos anos, em indicadores de saneamento básico, escolaridade e saúde. Em Santa Catarina a expectativa de vida passou de 73,2 anos em 1999 para 75,8 em Na América Latina a expectativa de vida é de 73,9 anos, segundo dados da Divisão de População das Nações Unidas, portanto, maior que a do Brasil. A América do Norte possui a maior expectativa de vida do mundo, com 79,7 anos, seguida pela Oceania (76,8) e Europa (75,6). Os continentes com piores indicadores são Ásia (69,6) e África (55), segundo estimativa da ONU. No que se refere a países, os melhores são Japão (82,7 anos), Islândia (81,8), França (81,2) e Canadá (80,7). 12

15 Catarinenses vivem mais Expectativa de vida ao nascer, por Unidades da Federação, em 2009 Estados Expectativa de vida ao nascer Total Homens Mulheres Santa Catarina 75,8 72,6 79,1 Distrito Federal 75,8 72,2 79,6 Rio Grande do Sul 75,5 71,9 79,3 Minas Gerais 75,1 71,8 78,6 São Paulo 74,8 70,7 79,0 Paraná 74,7 71,6 77,9 Espírito Santo 74,3 70,7 78,0 Mato Grosso do Sul 74,3 71,1 77,7 Goiás 73,9 70,7 77,3 Mato Grosso 73,7 70,1 77,4 Rio de Janeiro 73,7 69,4 78,1 Bahia 72,6 69,4 75,9 Pará 72,5 69,6 75,5 Amazonas 72,2 69,2 75,3 Acre 72,0 69,4 74,7 Tocantins 71,9 69,6 74,2 Rondônia 71,8 69,1 74,7 Sergipe 71,6 68,3 75,1 Rio Grande do Norte 71,1 67,3 75,1 Amapá 71,0 67,2 75,0 Ceará 71,0 66,8 75,4 Roraima 70,6 68,1 73,2 Paraíba 69,8 66,3 73,3 Piauí 69,7 66,7 72,8 Pernambuco 69,1 65,7 72,7 Maranhão 68,4 64,6 72,5 Alagoas 67,6 63,7 71,7 Brasil 73,1 69,4 77,0 Fonte: IBGE Síntese de Indicadores Sociais

16

17 SANTA CATARINA Santa Catarina Industrial Santa Catarina possui um importante parque industrial, ocupando posição de destaque no Brasil. A indústria de transformação catarinense é a quarta do país em quantidade de empresas e a quinta em número de trabalhadores. Os segmentos de artigos do vestuário e alimentar são os que mais empregam, seguindo-se dos artigos têxteis. O PIB catarinense é o sexto do Brasil, registrando, em 2008, R$ 123,3 bilhões. O setor secundário participa com 34,4%, o terciário com 57,5% e o primário com 8,0%. Dentro do setor secundário, a participação da indústria de transformação é de 23,3% e a da construção civil é de 5,1%, segundo dados do IBGE. A economia industrial de Santa Catarina é caracterizada pela concentração em diversos polos, o que confere ao estado padrões de desenvolvimento equilibrado entre suas regiões: cerâmico, carvão, vestuário e descartáveis plásticos no Sul; alimentar e móveis no Oeste; têxtil, vestuário, naval e cristal no Vale do Itajaí; metalurgia, máquinas e equipamentos, material elétrico, autopeças, plástico, confecções e mobiliário no Norte; madeireiro na região Serrana e tecnológico na Capital. Embora haja essa concentração por região, muitos municípios estão desenvolvendo vocações diferenciadas, fortalecendo vários segmentos de atividade. A indústria de base tecnológica, além de estar presente na Grande Florianópolis, também se destaca em Blumenau, Chapecó, Criciúma e Joinville. No estado estão situadas importantes indústrias, algumas com destaque na América Latina e outras no mundo. Santa Catarina é líder na América Latina em produção de elementos de fixação (parafusos, porcas), peças/componentes para bicicletas, tubos e conexões de plástico, etiquetas tecidas, camisetas de malha, blocos e cabeçotes para motor, compressores de ar a pistão, fitas elásticas e fitas rígidas e motores, geradores e transformadores elétricos. Santa Catarina é líder nacional nos produtos citados acima e na fabricação de: cerâmica para revestimento; eletroferragens galvanizadas a fogo para distribuição de energia elétrica, telefonia e tv a cabo; peças para trator (esteira, roletes, pino, bucha, roda motriz e roda guia), fornos elétricos, fogões de embutir e carrinhos de mão para construção civil, embalagem plástica flexível para o agronegócio, fios para tricô e crochê, softwares para engenharia, tall oil (CTO) e esterol. É o maior produtor de suínos, pescados e industrializados de carnes (derivados de frango, suínos e bovinos) do Brasil. De janeiro a dezembro de 2010, as exportações catarinenses alcançaram o valor acumulado de US$ 7,6 bilhões, o que significa um acréscimo de 17,96% em relação ao ano anterior. Os valores exportados por Santa Catarina corresponderam a 3,76% das exportações brasileiras. Ocupamos a décima colocação no ranking nacional. Os principais mercados de destino dos produtos catarinenses em 2010 foram Estados Unidos (11,9%), Países Baixos-Holanda (8,3%), Argentina (7,3%) e Japão (6,3%). O estado possui uma forte estrutura portuária, por onde escoa grande parte da produção: portos de Itajaí, São Francisco do Sul, Imbituba e Navegantes. O porto de Laguna atua voltado à pesca. Além desses, o porto de Itapoá está em fase inicial de operação, o que permitirá em breve a agregação de maior valor logístico à nossa região. 15

18 SANTA CATARINA Diversidade Industrial Alimentar 3»»3.419 indústrias* (2010)»»96,8 mil trabalhadores (2010) Mobiliário 1»»2.145 indústrias* (2010)»»27 mil trabalhadores (2010)»»2,4% do Valor da Transformação Industrial de SC (2009)»»3,6% das exportações de SC, US$ 272 milhões (2010)»»17,4% do Valor da Transformação Industrial de SC (2009)»»39,3% das exportações de SC, US$ 3 bilhões (2010) Metalurgia e Produtos de Metal 2»»3.427 indústrias* (2010)»»54 mil trabalhadores (2010)»»6,2% do Valor da Transformação Industrial de SC (2009)»»3,3% das exportações de SC, US$ 251 milhões (2010) Veículos automotores/autopeças 4»»349 indústrias* (2010)»»13,4 mil trabalhadores (2010)»»3,7% do Valor da Transformação Industrial de SC (2009)»»1,1% das exportações de SC, US$ 81 milhões (2010) Máquinas, Aparelhos e Materiais Elétricos»»338 indústrias* (2010)»»29,5 mil trabalhadores (2010)»»10,1% do Valor da Transformação Industrial de SC (2009)»»8,7% das exportações de SC, US$ 659 milhões (2010) Máquinas e Equipamentos»»1.422 indústrias* (2010)»»37,1 mil trabalhadores (2010)»»7,2% do Valor da Transformação Industrial de SC (2009)»»15,5% das exportações de SC, US$ 1,2 bilhão (2010) OESTE NORTE VALE DO ITAJAÍ NORDESTE Indústria Naval 5»»53 indústrias* (2010)»»3 mil trabalhadores (2010)»»0,9% do Valor da Transformação Industrial de SC (2009)»»0,03% das exportações de SC, US$ 2 milhões (2010) Têxtil e Vestuário 6 PLANALTO SERRANO SUDESTE»»9.264 indústrias* (2010)»»172,8 mil trabalhadores (2010)»»18,7% do Valor da Transformação Industrial de SC (2009)»»2,5% das exportações de SC, US$ 190 milhões (2010) Madeira»»2.860 indústrias* (2010)»»38,5 mil trabalhadores (2010)»»3% do Valor da Transformação Industrial de SC (2009)»»5,4% das exportações de SC, US$ 410 milhões (2010) Celulose e Papel»»393 indústrias* (2010)»»18,5 mil trabalhadores (2010)»»4,5% do Valor da Transformação Industrial de SC (2009)»»2,4% das exportações de SC, US$ 184 milhões (2010) 1 Mobiliário também se destaca no Oeste 2 Produtos de Metal também se destaca no Sul 3 A Pesca deve ser citada, localizando-se no Litoral. 4 Autopeças, além de outras regiões, também se destaca no Vale do Itajaí 5 A Indústria Naval desponta também no Sudeste 6 Presente também na região Nordeste 7 Se destaca também na região Sudeste. 8 Produtos de Plástico também se destaca no Nordeste. Importante: 1. Embora tenha sido especificada no mapa a região de maior concentração, os dados referem-se ao total da atividade no estado. 2. Além dos especificados, Santa Catarina possui outros segmentos industriais que também compõem sua economia. * Indústrias que realizaram movimentação de pessoal em algum mês do ano. Valor da Transformação Industrial (VTI): diferença entre o valor bruto da produção e o custo das operações industriais. SUL Tecnologia/Informática»»Maior concentração: Grande Florianópolis, Blumenau, Chapecó, Criciúma e Joinville. Na Grande Florianópolis estão instaladas 647 empresas de base tecnológica, incluindo 576 empresas do setor de Tecnologia da Informação (TI), com faturamento de R$ 887 milhões e gerando cerca de 20 mil empregos diretos e indiretos. Nessa região concentram-se 71 empresas de hardware, 90% das indústrias catarinenses do setor de eletrônica, telecomunicações e automação. Nas demais regiões as empresas de software são maioria, embora também existam indústrias das áreas de eletrônica e de automação. Levando em consideração os cinco polos, estima-se um total de empresas, com um faturamento de R$ 2,5 bilhões e 45 mil empregos. Cerâmica 7»»710 indústrias* (2010)»»18,7 mil trabalhadores (2010)»»2,7% do Valor da Transformação Industrial de SC (2009)»»1,6% das exportações de SC, US$ 125 milhões (2010) Produtos de Plástico 8»»917 indústrias* (2010)»»35,9 mil trabalhadores (2010)»»6% do Valor da Transformação Industrial de SC (2009)»»0,9% das exportações de SC, US$ 67 milhões (2010) 16

19 Diversidade Industrial Alimentar Santa Catarina possui uma indústria alimentar bastante forte, sendo o maior produtor de carne suína do país e o segundo de frangos. O estado também se destaca na pesca, ocupando nacionalmente liderança na produção de pescados. Frango é o primeiro produto em nossa pauta de exportação e suíno o quinto. A indústria alimentar é a segunda maior empregadora dentre os segmentos industriais do estado. Máquinas e Equipamentos A indústria de máquinas e equipamentos de Santa Catarina se destaca na fabricação de compressores e eletrodomésticos (linha branca). É líder no mercado nacional e na América Latina no segmento de compressores de ar comprimido a pistão e é o maior exportador do Brasil de motocompressores herméticos. O estado ocupa a segunda posição na América Latina na produção de empacotadoras e enfardadeiras automáticas e possui uma das três maiores indústrias do mundo fabricantes de equipamentos para a produção de lâminas de madeira. Têxtil e Vestuário Santa Catarina é o segundo maior polo empregador têxtil e de vestuário do Brasil. No estado está localizada a maior empresa brasileira e a segunda do mundo na fabricação de camisetas de malha, bem como em etiquetas tecidas. É o maior fabricante de fios para tricô e crochê do país. É líder na América Latina na produção de fitas elásticas e rígidas e no comércio internacional é o maior exportador do país de roupas de toucador/cozinha, de tecidos atoalhados de algodão e de camisetas T-Shirt de malha. Metalurgia e Produtos de Metal Em Santa Catarina encontra-se a maior fundição independente do Brasil, da América Latina e a quinta em nível mundial, especializada na fabricação de produtos fundidos para a indústria automotiva. O estado também é líder nacional em eletroferragens galvanizadas a fogo para distribuição de energia elétrica, telefonia e TV a cabo, além de peças para tratores (esteira, rolete, pino, bucha, roda motriz e roda guia). É líder na América Latina em elementos de fixação (parafusos, porcas etc). Tecnologia/Informática Santa Catarina é líder nacional em softwares para engenharia, gestão (ERP), soluções para o setor têxtil, soluções para gerenciamento de filas em bancos e destaca-se na fabricação de telefones, centrais telefônicas, aparelhos de segurança, conversores de energia, reguladores de tensão e equipamentos de comunicação de dados. Cerâmica Santa Catarina possui um importante polo cerâmico, sendo líder nacional na produção de cerâmica para revestimento e o segundo em exportação. A maior concentração de indústrias está na região Sul e em Tijucas, na Grande Florianópolis. A indústria de cerâmica vermelha também se destaca dentro desse segmento de atividade. No estado está situada a única empresa do mundo fabricante de linha Ceraflame (panelas, caçarolas e refratários), produtos atóxicos aprovados pela medicina ortomolecular. Mobiliário Santa Catarina destaca-se em nível nacional na produção de móveis com predominância em madeira, sendo o maior exportador do Brasil. Nos municípios de São Bento do Sul e Rio Negrinho concentram-se o maior volume de empresas, enquanto que no Oeste está o segundo maior polo fabricante de móveis do estado. Madeira A indústria madeireira do estado destaca-se em nível nacional, tendo uma participação de 13,4% sobre igual setor do Brasil. É a primeira do país e na América Latina na fabricação de portas de madeira. Santa Catarina é o maior exportador de portas e respectivos caixilhos, alizares e soleiras do Brasil. Produtos de Plástico Santa Catarina destaca-se na produção de tubos e conexões de PVC, embalagens, descartáveis plásticos (copos, pratos etc.), utilidades domésticas, cordas e fios de PET reciclado e produtos de EPS (isopor). É líder nacional na produção de embalagens plásticas flexíveis para o agronegócio, segunda na América Latina e terceira mundial na produção de embalagens valvuladas manuais. No estado está a maior fabricante no segmento do plástico reforçado da América Latina. Máquinas, Aparelhos e Materiais Elétricos O segmento de máquinas, aparelhos e materiais elétricos registrou uma participação de 17,12% no ano de 2009 sobre igual setor nacional, segundo o IBGE. Santa Catarina destaca-se pelo grau de importância na fabricação de geradores, transformadores e motores elétricos, com um peso nesse mesmo ano de 31%, sobre igual segmento brasileiro. O estado é o maior exportador de motores elétricos de corrente alternada trifásicos 75 kw do Brasil. Veículos automotores/autopeças O estado de Santa Catarina se destaca na produção de autopeças, podendo-se citar impulsores de partida, mancais e polias para veículos automotores, escapamentos, carrocerias para caminhões e ônibus, blocos de cilindros e cabeçotes para motores diesel, sendo o maior exportador do país nesse item. Celulose e Papel A indústria de celulose e papel de Santa Catarina obteve uma participação de 6,5% sobre igual setor nacional em 2009, segundo o IBGE. O estado é o maior exportador de papel/cartão Kraftliner para cobertura do Brasil. Em Santa Catarina estão situadas unidades do grupo que é o maior produtor, exportador e reciclador de papéis do país. Indústria Naval A indústria naval catarinense é a terceira do país em número de trabalhadores e a previsão é de que esse número aumente no curto prazo com os novos investimentos que estão sendo realizados. É um segmento industrial com boas perspectivas de crescimento, sendo que em Navegantes e Itajaí se concentram o maior número de empresas construtoras de embarcações. 17

20 SANTA CATARINA Dados Regionais VICE- PRESIDÊNCIAS REGIONAIS DO SISTEMA FIESC A FIESC está presente em todo o território catarinense através de suas 15 vice-presidências regionais. É por meio dessa estrutura que são implementadas suas ações e diretrizes estratégicas. VALE DO ITAJAÍ FOZ DO RIO ITAJAÍ VALE DO ITAPOCU NORTE-NORDESTE CENTRO-NORTE PLANALTO NORTE CENTRO-OESTE EXTREMO-OESTE ALTO VALE DO ITAJAÍ São Bento do Sul Joinville Jaraguá do Sul São Miguel do Oeste Itajaí Caçador Blumenau Chapecó Concórdia Joaçaba Rio do Sul Florianópolis Lages OESTE ALTO URUGUAI CATARINENSE Tubarão Criciúma SERRA CATARINENSE SUL LITORAL SUL 18 SUDESTE

CDLS CATARINENSES CDL E-MAIL DA CDL FONE

CDLS CATARINENSES CDL E-MAIL DA CDL FONE CDLS CATARINENSES CDL E-MAIL DA CDL FONE CDL Abdon Batista: executivo@abdonbatista.cdl-sc.org.br (49) 3545-1003 CDL Abelardo Luz: executivo@abelardoluz.cdl-sc.org.br (49) 3445-4296 CDL Agrolândia executivo@agrolandia.cdl-sc.org.br

Leia mais

Cadastro das contas bancárias dos Fundos Municipais de Assistência Social para o cofinanciamento estadual socioassistencial - SST/SC

Cadastro das contas bancárias dos Fundos Municipais de Assistência Social para o cofinanciamento estadual socioassistencial - SST/SC Cadastro das contas bancárias dos Fundos Municipais de Assistência Social para o cofinanciamento estadual socioassistencial - SST/SC Município Custeio Custeio Custeio Custeio 1 Abdon Batista 10.359.074/0001-72

Leia mais

Total de homens Total de mulheres

Total de homens Total de mulheres Nome do população população 4200051 Abdon Batista 2.775 1.382 1.271 724 1.929 2.653 4200101 Abelardo Luz 16.440 8.628 8.472 9.570 7.530 17.100 4200200 Agrolândia 7.810 4.703 4.625 5.964 3.364 9.328 4200309

Leia mais

CÓDIGOS DE SANTA CATARINA

CÓDIGOS DE SANTA CATARINA CÓDIGOS DE SANTA CATARINA Fonte: Anexo da resolução 263 de 08/06/2001 UF MUNICÍPIO CÓDIGO DE ÁREA SC ABDON BATISTA 49 SC ABELARDO LUZ 49 SC AGROLÂNDIA 47 SC AGRONÔMICA 47 SC ÁGUA DOCE 49 SC ÁGUAS DE CHAPECÓ

Leia mais

DIVISÃO DOS MUNICÍPIOS DO ESTADO DE SANTA CATARINA POR MESORREGIÕES

DIVISÃO DOS MUNICÍPIOS DO ESTADO DE SANTA CATARINA POR MESORREGIÕES ANEXO VI DIVISÃO DOS MUNICÍPIOS DO ESTADO DE SANTA CATARINA POR MESORREGIÕES 1. MUNICÍPIOS DA REGIÃO SUL Araranguá Armazém Balneário Arroio do Silva Balneário Gaivota Balneário Rincão Braço do Norte Capivari

Leia mais

Tabela II Produto Interno Bruto, População e PIB per capita, segundo os municípios de Santa Catarina 2008

Tabela II Produto Interno Bruto, População e PIB per capita, segundo os municípios de Santa Catarina 2008 Tabela II Produto Interno Bruto, e, segundo os municípios de Santa Catarina 2008 4216206 São Francisco do Sul 3.162.842,03 39.341 80.395,57 1 4208203 Itajaí 10.183.448,26 169.927 59.928,37 2 4218509 Treze

Leia mais

UF Município Micro-Região Classificação Tipo

UF Município Micro-Região Classificação Tipo SC Abdon Batista Curitibanos Média Renda Superior Estagnada SC Abelardo Luz Xanxerê Média Renda Superior Estagnada SC Agrolândia Ituporanga Média Renda Superior Estagnada SC Agronômica Rio do Sul Alta

Leia mais

RECURSOS FEDERAIS PARA A CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A RUBEOLA (R$) 2008 42 SC 672,96 269,18 942,14 A RUBEOLA (R$) 2008

RECURSOS FEDERAIS PARA A CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A RUBEOLA (R$) 2008 42 SC 672,96 269,18 942,14 A RUBEOLA (R$) 2008 ESTADO : SANTA CATARINA CÓD. ESTADO IBGE RECURSOS FEDERAIS PARA A CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA A RUBEOLA 2008 CONTRAPARTIDA TOTAL RECURSOS 42 SC 672,96 269,18 942,14 CÓD. IBGE MUNICÍPIO RECURSOS FEDERAIS

Leia mais

Vagas nas Câmaras Municipais - Santa Catarina Ordem Alfabética de Município

Vagas nas Câmaras Municipais - Santa Catarina Ordem Alfabética de Município 22/0/2004 1 ABDON BATISTA 2.630 2 ABELARDO LUZ 17.46 3 AGROLÂNDIA 8.004 4 AGRONÔMICA 4.406 5 ÁGUA DOCE 6.85 6 ÁGUAS DE CHAPECO 5.578 7 ÁGUAS FRIAS 2.322 8 ÁGUAS MORNAS 5.630 ALFREDO WAGNER 8.568 ALTO BELA

Leia mais

Abrangência das Regionais e Extensões do IEL/SC Regional / Extensão Abdon Batista. Águas de Chapecó. São Miguel d Oeste.

Abrangência das Regionais e Extensões do IEL/SC Regional / Extensão Abdon Batista. Águas de Chapecó. São Miguel d Oeste. Abrangência das Regionais e Extensões do IEL/SC Cidade Regional / Extensão Abdon Batista Abelardo Luz Agrolândia Agronômica Água Doce Águas de Águas Frias Aguas Mornas Alfredo Wagner Alto Bela Vista Anchieta

Leia mais

Tarifas para telefones fixos no estado de Santa Catarina

Tarifas para telefones fixos no estado de Santa Catarina Abdon Batista - SC R$ 0,12 Abelardo Luz - SC R$ 0,12 Agrolandia - SC R$ 0,12 Agronomica - SC R$ 0,12 Agua Doce - SC R$ 0,12 Aguas de Chapeco - SC R$ 0,12 Aguas Frias - SC R$ 0,12 Alfredo Wagner - SC R$

Leia mais

Valores a receber dos Governos Estaduais = Valor anual efetivamente arrecadado (menos) Valor disponibilizado pelos Estados ao FUNDEB (CRÉDITOS)

Valores a receber dos Governos Estaduais = Valor anual efetivamente arrecadado (menos) Valor disponibilizado pelos Estados ao FUNDEB (CRÉDITOS) SC ABDON BATISTA 382,47 SC ABELARDO LUZ 5.629,22 SC AGROLANDIA 1.454,75 SC AGRONOMICA 727,39 SC AGUA DOCE 1.829,83 SC AGUAS DE CHAPECO 651,12 SC AGUAS FRIAS 419,73 SC AGUAS MORNAS 686,42 SC ALFREDO WAGNER

Leia mais

SISTEMA NACIONAL DE CADASTRO RURAL ÍNDICES BÁSICOS DE 2005

SISTEMA NACIONAL DE CADASTRO RURAL ÍNDICES BÁSICOS DE 2005 NOME S SC SANTA CATARINA (20 Microrregiões, 293 Municípios) 317.737 8.354.154,1 95.346,2 42001 SÃO MIGUEL D'OESTE (21 Municípios) 28.262 424.884,3 4.242,0 4200804 ANCHIETA 10 1 18 A3-3 3 45 1.400 24.064,4

Leia mais

Relatório de Categorização MTur - Ministério do Turismo Categorização dos municípios das regiões turísticas do mapa do turismo brasileiro

Relatório de Categorização MTur - Ministério do Turismo Categorização dos municípios das regiões turísticas do mapa do turismo brasileiro Relatório de Categorização MTur - Ministério do Turismo Categorização dos municípios das regiões turísticas do mapa do turismo brasileiro Parâmetros da consulta: SUL / Santa Catarina Resumo da Seleção

Leia mais

1. Média anual da ação coletiva escovação supervisionada:

1. Média anual da ação coletiva escovação supervisionada: ESTADO DE SANTA CATARINA DE ESTADO DA SAÚDE DIRETORIA DE PLANEJAMENTO, CONTROLE E AVALIAÇÃO GERÊNCIA DE COORDENAÇÃO DA ATENÇÃO BÁSICA DIVISÃO DE SAÚDE BUCAL Relatório: INDICADORES DE SAÚDE BUCAL DO PACTO

Leia mais

COMUNICADO nº 12/2014. Aos: Senhores Prefeitos e Executivos de Associações de Municípios.

COMUNICADO nº 12/2014. Aos: Senhores Prefeitos e Executivos de Associações de Municípios. COMUNICADO nº 12/2014 Aos: Senhores Prefeitos e Executivos de Associações de Municípios. Referente: Atualização do Sistema Concentrador REGIN. A, na busca de auxiliar os gestores públicos municipais, vem

Leia mais

Nota Técnica n o 094/2005 SRC/ANEEL. Em 16 de setembro de 2005.

Nota Técnica n o 094/2005 SRC/ANEEL. Em 16 de setembro de 2005. Nota Técnica n o 094/2005 SRC/ANEEL Em 16 de setembro de 2005. Processo: 48500.003255/03-45 Assunto: Análise da 2 a parte do Plano de Universalização de Energia Elétricas da Centrais Elétricas de Santa

Leia mais

Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Santa Catarina. Pesquisa Fecomércio Mobilidade Urbana em Santa Catarina

Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Santa Catarina. Pesquisa Fecomércio Mobilidade Urbana em Santa Catarina Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Santa Catarina Pesquisa Fecomércio Mobilidade Urbana em Santa Catarina SUMÁRIO INTRODUÇÃO......... 2 RENDA E CRÉDITO PARA VEÍCULOS...... 3 AUTOMÓVEIS

Leia mais

Descentralização do Governo e. regionalização do Desenvolvimento

Descentralização do Governo e. regionalização do Desenvolvimento do Governo e regionalização do Desenvolvimento administrativa e desconcentração do Poder Descentralizar transferir parte do planejamento e das ações de governo para instâncias mais próximas do cidadão

Leia mais

PREMIAÇÃO INCENTIVO AO RECOLHIMENTO DA CONTRIBUIÇÃO SINDICAL 1. OBJETO

PREMIAÇÃO INCENTIVO AO RECOLHIMENTO DA CONTRIBUIÇÃO SINDICAL 1. OBJETO PREMIAÇÃO INCENTIVO AO RECOLHIMENTO DA CONTRIBUIÇÃO SINDICAL 1. OBJETO O presente instrumento tem por objeto regulamentar o projeto de incentivo ao recolhimento da contribuição sindical patronal, que premiará

Leia mais

Estado de Santa Catarina Secretaria de Estado da Fazenda Diretoria de Administração Tributária Gerencia de Sistemas e Informações Tributárias

Estado de Santa Catarina Secretaria de Estado da Fazenda Diretoria de Administração Tributária Gerencia de Sistemas e Informações Tributárias Estado de Santa Catarina Secretaria de Estado da Fazenda Diretoria de Administração Tributária Gerencia de Sistemas e Informações Tributárias MÓDULO DE APURAÇÃO DO MOVIMENTO ECONÔMICO LAYOUT DO ARQUIVO

Leia mais

RELAÇÃO DAS DECISÕES PROFERIDAS EM PROCESSOS DE IMPUGNAÇÃO AO VALOR ADICIONADO, EM 1ª INSTÃNCIA PROCESSO MUN ASSOC ASSUNTO JULGADOR DECISÃO I.E.

RELAÇÃO DAS DECISÕES PROFERIDAS EM PROCESSOS DE IMPUGNAÇÃO AO VALOR ADICIONADO, EM 1ª INSTÃNCIA PROCESSO MUN ASSOC ASSUNTO JULGADOR DECISÃO I.E. ATO DIAT 023/11 ANEXO ÚNICO RELAÇÃO DAS DECISÕES PROFERIDAS EM PROCESSOS DE IMPUGNAÇÃO AO VALOR ADICIONADO, EM 1ª INSTÃNCIA PROCESSO MUN ASSOC ASSUNTO JULGADOR DECISÃO I.E. SEF 23525/2011GASPAR AMMVI PP

Leia mais

Programa de Controle de Dengue

Programa de Controle de Dengue Estado de Santa Catarina Secretaria de Estado da Saúde Sistema Único de Saúde Superintendência de Vigilância em Saúde Diretoria de Vigilância Epidemiológica Gerência de Vigilância de Zoonoses e Entomologia

Leia mais

FERIADOS MUNICIPAIS NO ANO DE 2014 (ZONAS ELEITORAIS E POSTOS DE ATENDIMENTO)

FERIADOS MUNICIPAIS NO ANO DE 2014 (ZONAS ELEITORAIS E POSTOS DE ATENDIMENTO) S MUNICIPAIS NO ANO DE 2014 ( E POSTOS DE ATENDIMENTO) ATUALIZADO EM 29.1.2014 Abelardo Luz (71ª ZE) Dia do Padroeiro; Dia do Município 20.1 e 27.7 Anchieta (82ª ZE) Dia do Município; Dia do Colono e do

Leia mais

TOTAL 686 69 614 3 Fonte: LACEN SES SC

TOTAL 686 69 614 3 Fonte: LACEN SES SC Estado de Santa Catarina Secretaria de Estado da Saúde Sistema Único de Saúde Superintendência de Vigilância em Saúde Diretoria de Vigilância Epidemiológica Gerência de Vigilância de Zoonoses e Entomologia

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA SECRETARIA DE ESTADO DO PLANEJAMENTO CONSELHO ESTADUAL DAS CIDADES CONCIDADES/SC

ESTADO DE SANTA CATARINA SECRETARIA DE ESTADO DO PLANEJAMENTO CONSELHO ESTADUAL DAS CIDADES CONCIDADES/SC ESTADO DE SANTA CATARINA SECRETARIA DE ESTADO DO PLANEJAMENTO CONSELHO ESTADUAL DAS CIDADES CONCIDADES/SC REGIMENTO DA 5ª CONFERÊNCIA ESTADUAL DAS CIDADES CAPITULO I DOS OBJETIVOS E FINALIDADES Art. 1º-

Leia mais

FEDERACAO CATARINENSE DE MUNICIPIOS

FEDERACAO CATARINENSE DE MUNICIPIOS Folha: 1 3 CUSTOS E DESPESAS 4.606.208,52D 3.2 DESPESAS 2.384.549,01D 3.2.01 DESPESAS OPERACIONAIS 2.384.549,01D 3.2.01.01 DESPESAS COM PESSOAL 2.384.549,01D 3.2.01.01.001 Ferias 119.188,68D 3.2.01.01.002

Leia mais

ATUAÇÃO DA POLÍCIA MILITAR AMBIENTAL NO MEIO AMBIENTE URBANO

ATUAÇÃO DA POLÍCIA MILITAR AMBIENTAL NO MEIO AMBIENTE URBANO ESTADO DE SANTA CATARINA SECETARIA DE ESTADO DA SEGURANÇA PÚBLICA POLÍCIA MILITAR BATALHÃO DE POLÍCIA MILITAR AMBIENTAL ATUAÇÃO DA POLÍCIA MILITAR AMBIENTAL NO MEIO AMBIENTE URBANO Major PM Marledo Egidio

Leia mais

EDITAL N 005/2012/CESF/UFSC PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO MULTIPROFISSIONAL EM SAÚDE DA FAMÍLIA

EDITAL N 005/2012/CESF/UFSC PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO MULTIPROFISSIONAL EM SAÚDE DA FAMÍLIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE SAÚDE PÚBLICA Campus Prof. João David Ferreira Lima CEP 88040-900 Trindade - Florianópolis - Santa Catarina - Brasil www.unasus.ufsc.br/saudedafamilia

Leia mais

UNIDADE DE POLÍTICA ECONÔMICA E INDUSTRIAL DIRETORIA DE RELAÇÕES INDUSTRIAIS

UNIDADE DE POLÍTICA ECONÔMICA E INDUSTRIAL DIRETORIA DE RELAÇÕES INDUSTRIAIS UNIDADE DE POLÍTICA ECONÔMICA E INDUSTRIAL DIRETORIA DE RELAÇÕES INDUSTRIAIS SANTA CATARINA EM DADOS FLORIANÓPOLIS V.17 p. 1-156 27 2 SANTA CATARINA EM DADOS 27 Elaboração Federação das Indústrias do Estado

Leia mais

SANTA CATARINA EM DADOS

SANTA CATARINA EM DADOS SANTA CATARINA UNIDADE DE POLÍTICA ECONÔMICA E INDUSTRIAL DIRETORIA DE RELAÇÕES INDUSTRIAIS E INSTITUCIONAIS SANTA CATARINA FLORIANÓPOLIS V.20 p. 1-156 Elaboração Federação das Indústrias do Estado de

Leia mais

RESOLUÇÃO N. 14/2004-GP. Cria os pólos regionais de informática e disciplina o exercício da função de Técnico de Suporte em Informática.

RESOLUÇÃO N. 14/2004-GP. Cria os pólos regionais de informática e disciplina o exercício da função de Técnico de Suporte em Informática. TIPO: RESOLUÇÃO Nº 14/04-GP ORIGEM: GP DATA DA ASSINATURA: 28.06.2004 PRESIDENTE: DES. JORGE MUSSI PUBLICAÇÃO NO DJSC n.º 11.464 PÁG 03 DATA:.05.07.2004 OBS: Cria os pólos regionais de informática e disciplina

Leia mais

Santa Sant Cat a arina t em DaDoS 2013 Sant a C atarina em D a D o S 2013 www.fiescnet.com.br

Santa Sant Cat a arina t em DaDoS 2013 Sant a C atarina em D a D o S 2013 www.fiescnet.com.br Santa Catarina em Dados 2013 Santa Catarina em Dados 2013 UNIDADE DE POLÍTICA ECONÔMICA E INDUSTRIAL DIRETORIA DE RELAÇÕES INDUSTRIAIS SANTA CATARINA EM DADOS / Florianópolis / v. 23 / p.01-176 / 2013

Leia mais

Portaria 56/2014 24/07/2014

Portaria 56/2014 24/07/2014 Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento BINAGRI - SISLEGIS Portaria 56/2014 24/07/2014 MINISTÉRIO DA AGRIVULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO SECRETARIA DE POLÍTICA AGRÍCOLA PORTARIA Nº 56, DE

Leia mais

Porto Seguro Empresa, Bares e Restaurantes, Multirisco, Hotéis e Pousadas, Concessionária, Pet Shop e Veterinária, Estética e Beleza e Consultórios

Porto Seguro Empresa, Bares e Restaurantes, Multirisco, Hotéis e Pousadas, Concessionária, Pet Shop e Veterinária, Estética e Beleza e Consultórios Novos serviços disponíveis para os estados de Santa Catarina, do Rio Grande do Sul, de São Paulo, de Minas Gerais e do Mato Grosso do Sul: Empresariais: Porto Seguro Empresa, Bares e Restaurantes, Multirisco,

Leia mais

NOTA TÉCNICA Nº 0044_V1_2015 Evolução do PIB nas Rodovias de Santa Catarina - 2003 A 2012 -

NOTA TÉCNICA Nº 0044_V1_2015 Evolução do PIB nas Rodovias de Santa Catarina - 2003 A 2012 - NOTA TÉCNICA Nº 0044_V1_2015 Evolução do PIB nas Rodovias de Santa Catarina - 2003 A 2012 - Jaraguá do Sul (SC), Maio de 2015. ALINHAMENTO ESTRATÉGICO Jaraguá Ativa: Cidade inteligente e sustentável, cidade

Leia mais

FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA. Santa Catarina

FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA. Santa Catarina FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA Santa Catarina em Dados 2014 Santa Catarina em Dados 2014 UNIDADE DE POLÍTICA ECONÔMICA E INDUSTRIAL DIRETORIA DE RELAÇÕES INDUSTRIAIS SANTA CATARINA

Leia mais

REGULAMENTO GERAL 2009

REGULAMENTO GERAL 2009 REGULAMENTO GERAL 2009 Site: www3.sol.sc.gov.br/fesporte E-mail: geded@fesporte.sc.gov. CAPÍTULO 1 Disposições iniciais Art. 1º - Este regulamento é um documento composto pelo conjunto de disposições que

Leia mais

058293739-63 049980619-09 038941739 47

058293739-63 049980619-09 038941739 47 Nome Veterinário CRM V José Daniel Luzes Fedullo 041 49U S Lara Elisa Medeiros da Silva 450 7 Adriano do Pardo Cordeiro 350 0 Carlos André Kalinoski 041 18V P Adaelcio Camuzzato 037 62 Douglas Kissner

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE SAÚDE PÚBLICA XIV CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM SAÚDE PÚBLICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE SAÚDE PÚBLICA XIV CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM SAÚDE PÚBLICA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE SAÚDE PÚBLICA XIV CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM SAÚDE PÚBLICA CINTIA JUNKES O impacto de óbito adicional à estabilidade do

Leia mais

Programa de Desenvolvimento da

Programa de Desenvolvimento da Programa de Desenvolvimento da Empresa Catarinense Paulo Bornhausen Secretário O que é o? O Programa de Desenvolvimento da Empresa Catarinense -, tem como finalidade conceder incentivo à implantação ou

Leia mais

Abelardo Luz (71ª ZE) Dia do Padroeiro; Dia do Município 20.1 e 27.7

Abelardo Luz (71ª ZE) Dia do Padroeiro; Dia do Município 20.1 e 27.7 S MUNICIPAIS NO ANO DE 2012* Abelardo Luz (71ª ZE) Dia do Padroeiro; Dia do Município 20.1 e 27.7 Anchieta (82ª ZE) Dia do Município; Dia do Colono e do Motorista; Dia da Reforma Luterana; Dia da Padroeira

Leia mais

Conteúdo: SEÇÃO 1. Portaria 95... 02. SEÇÃO 2 Sem matéria relevante. SEÇÃO 3 Sem matéria relevante. Subsecretaria de Planejamento e Orçamento

Conteúdo: SEÇÃO 1. Portaria 95... 02. SEÇÃO 2 Sem matéria relevante. SEÇÃO 3 Sem matéria relevante. Subsecretaria de Planejamento e Orçamento Subsecretaria de Planejamento e Orçamento Ano CXLVII Nº 40 Brasília DF, terça-feira, 2 de março de 2010 Obs.: As matérias selecionadas estão marcadas em amarelo. Conteúdo: SEÇÃO 1 Portaria 95... 02 SEÇÃO

Leia mais

BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO DST/AIDS

BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO DST/AIDS BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO DST/AIDS N.º 01 1ª à 40ª Semana Epidemiológica Janeiro a Outubro de 2001 2 SUMÁRIO Editorial... 03 AIDS Dados Epidemiológicos de Santa Catarina Gráficos Distribuição das taxas de

Leia mais

DIAGNÓSTICO PRELIMINAR DO GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS NAS REGIÕES HIDROGRÁFICAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA

DIAGNÓSTICO PRELIMINAR DO GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS NAS REGIÕES HIDROGRÁFICAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA DIAGNÓSTICO PRELIMINAR DO GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS NAS REGIÕES HIDROGRÁFICAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA Florianópolis, março de 2005 Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental

Leia mais

UNIDADE DE POLÍTICA ECONÔMICA E INDUSTRIAL DIRETORIA DE RELAÇÕES INDUSTRIAIS

UNIDADE DE POLÍTICA ECONÔMICA E INDUSTRIAL DIRETORIA DE RELAÇÕES INDUSTRIAIS Realização Patrocínio UNIDADE DE POLÍTICA ECONÔMICA E INDUSTRIAL DIRETORIA DE RELAÇÕES INDUSTRIAIS SANTA CATARINA EM DADOS FLORIANÓPOLIS V.18 p. 1-152 2008 Elaboração: Federação das Indústrias do Estado

Leia mais

COMÉRCIO E SERVIÇOS COMÉRCIO E SERVIÇOS

COMÉRCIO E SERVIÇOS COMÉRCIO E SERVIÇOS COMÉRCIO E SERVIÇOS SANTA CATARINA EM NÚMEROS Comércio e Serviços SEBRAE 2010 2010 SEBRAE/SC Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Santa Catarina. Todos os direitos reservados e protegidos por

Leia mais

RELATÓRIO FINAL RELATÓRIO CONTENDO OS RESULTADOS DO PLANO DE PESQUISA

RELATÓRIO FINAL RELATÓRIO CONTENDO OS RESULTADOS DO PLANO DE PESQUISA PROJETO DE COOPERAÇÃO TÉCNICO-CIENTÍFICO ENTRE O MINISTÉRIO PÚBLICO DE SANTA CATARINA E ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ENGENHARIA SANITÁRIA E AMBIENTAL SEÇÃO SANTA CATARINA RELATÓRIO FINAL RELATÓRIO CONTENDO

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA SECRETARIA DE ESTADO DO DESENVOLVIMENTO URBANO E MEIO AMBIENTE - SDM DIRETORIA DE SANEAMENTO -DISA

ESTADO DE SANTA CATARINA SECRETARIA DE ESTADO DO DESENVOLVIMENTO URBANO E MEIO AMBIENTE - SDM DIRETORIA DE SANEAMENTO -DISA Abdon ESTADO DE SANTA CATARINA SECRETARIA DE ESTADO DO DESENVOLVIMENTO URBANO E MEIO AMBIENTE - SDM DIRETORIA DE SANEAMENTO -DISA Garuva Canoinh Três Mafra Campo Itapoá São Bento do São Francisco do Dionísio

Leia mais

Emprego Industrial Março de 2015

Emprego Industrial Março de 2015 Emprego Industrial Março de 2015 SUMÁRIO EXECUTIVO No mês de março de 2015, o saldo de empregos em Santa Catarina cresceu em relação ao estoque de fevereiro (3.948 postos e variação de 0,2%). A indústria

Leia mais

EDITAL N 17/UNOESC/2015

EDITAL N 17/UNOESC/2015 EDITAL N 17/UNOESC/2015 Estabelece critérios de seleção para as vagas do Curso de Extensão em Desenvolvimento Regional, integrante do Programa de Educação Superior para o Desenvolvimento Regional - PROESDE.

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SANTA CATARINA

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SANTA CATARINA Instituições Fiscalizadas Julho 2013: Sede Casa de Saúde São Sebastião - Florianópolis Cepon - Florianópolis Emergência do Hospital Regional Dr. Homero de Miranda Gomes - São José Emergência do Hospital

Leia mais

Rua Comandante José Ricardo Nunes, 79 Florianópolis/SC CEP: 88070-220

Rua Comandante José Ricardo Nunes, 79 Florianópolis/SC CEP: 88070-220 Rua Comandante José Ricardo Nunes, 79 Florianópolis/SC CEP: 88070-220 SECRETARIA DE ESTADO DO TURISMO, CULTURA E ESPORTE FUNDAÇÃO CATARINENSE DE ESPORTE - FESPORTE GERÊNCIA DE ESPORTE DE BASE E INCLUSÃO

Leia mais

DESCONTO ASSISTENCIAL CCT - 2004/2005 Complementação

DESCONTO ASSISTENCIAL CCT - 2004/2005 Complementação DESCONTO ASSISTENCIAL CCT - 2004/2005 Complementação 1 Condições estabelecidas pelas assembléias dos Sindicatos Profissionais para efeito de desconto e repasse das verbas deduzidas dos salários dos bancários

Leia mais

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina CONTRATO N. 083/2012 Contrato para fornecimento de vales-refeição em papel, para as Eleições 2012, autorizado pelo Senhor Eduardo Cardoso, Secretário de Administração

Leia mais

SANTA CATARINA. Tipo de Serviço. Dias de Funcionamento

SANTA CATARINA. Tipo de Serviço. Dias de Funcionamento SC CORREIOS AC ABDON BATISTA AV 26 DE ABRIL, 707 - SL 02 CENTRO ABDON BATISTA ABDON BATISTA OI Fixo, OI Móvel Segunda a Sexta 09:00-12:00 / 14:00-16:30 SC POSTO ATENDIMENTO A. S. MODAS AV 26 DE ABRIL,

Leia mais

Relatório Comparativo Anual

Relatório Comparativo Anual I Setor de Fiscalização Relatório Comparativo Anual Região Sul Região Oeste e Serrana Região Norte e Alto Vale Região do Vale do Itajaí e Grande Florianópolis Total Geral de Municípios Visitados 20 municípios

Leia mais

TURISMO E ARTESANATO TURISMO E ARTESANATO

TURISMO E ARTESANATO TURISMO E ARTESANATO TURISMO E ARTESANATO SANTA CATARINA EM NÚMEROS Turismo e Artesanato SEBRAE 2010 2010 SEBRAE/SC Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Santa Catarina. Todos os direitos reservados e protegidos

Leia mais

REGULAMENTO GERAL E TÉCNICO - 2013

REGULAMENTO GERAL E TÉCNICO - 2013 SECRETARIA DE ESTADO DO TURISMO, CULTURA E ESPORTE FUNDAÇÃO CATARINENSE DE ESPORTE FESPORTE SECRETARIA DE EDUCAÇÃO- SED 14ºFESTIVAL ESCOLAR DANÇA CATARINA REGULAMENTO GERAL E TÉCNICO - 2013 Site: www.fesporte.sc.gov.br

Leia mais

Associação de Apicultores de Indaial- API. Associação de Apicultores de Ituporanga - ASAPI

Associação de Apicultores de Indaial- API. Associação de Apicultores de Ituporanga - ASAPI Município Abelardo Luz Águas de Chapecó Água Doce Águas Mornas Anchieta Anchieta Apiúna Araranguá Balneário Gaivota Belmonte Blumenau Bom Retiro Bom Retiro Botuverá Caçador Campo Alegre Campo Alegre Campo

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS

MANUAL DE PROCEDIMENTOS MANUAL DE PROCEDIMENTOS SISTEMA DE OPERAÇÃO SUBSISTEMA ESTUDOS DO SISTEMA CÓDIGO TÍTULO FOLHA Requisitos para a Conexão de Micro ou Mini Geradores de Energia ao Sistema Elétrico da Celesc Distribuição

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA

ESTADO DE SANTA CATARINA Plano Plurianual 28-211 1 ProPav Rural Órgão Responsável Objetivo Justificativa Secretaria de Estado da Infra-Estrutura Viabilizar a pavimentação de acessos e ruas das comunidades rurais. Integrar as comunidades

Leia mais

MAPA DE COBERTURA. POA:comercial@atlantida.com.br Fone: (51) 3218.5722 Fax: (51) 3218.5770 www.atlantida.rbs.com.br

MAPA DE COBERTURA. POA:comercial@atlantida.com.br Fone: (51) 3218.5722 Fax: (51) 3218.5770 www.atlantida.rbs.com.br MAPA DE COBERTURA REDE ATLÂNTIDA A Rede Atlântida está no ar, via satélite, com foco na Região Sul do Brasil: Rio Grande do Sul e Santa Catarina. Porto Alegre 94,1 Alvorada Alto Feliz Araricá Arroio dos

Leia mais

CONTRATO N. 01/2008 EMPRESA REUNIDAS TRANSPORTADORA RODOVIÁRIA DE CARGAS S.A.

CONTRATO N. 01/2008 EMPRESA REUNIDAS TRANSPORTADORA RODOVIÁRIA DE CARGAS S.A. CONTRATO N. 01/2008 TERMO DE CONTRATO DE FORNECIMENTO QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA REUNIDAS TRANSPORTADORA RODOVIÁRIA

Leia mais

Selo de Mérito ABC 2012. Projeto Reação Habitação Tempo de reconstrução em Santa Catarina

Selo de Mérito ABC 2012. Projeto Reação Habitação Tempo de reconstrução em Santa Catarina Selo de Mérito ABC 2012 Projeto Reação Habitação Tempo de reconstrução em Santa Catarina Antecedentes do projeto Face ao panorama de destruição decorrente de inundações e deslizamentos de encostas, com

Leia mais

Plano de Marketing Turístico de Santa Catarina 2020

Plano de Marketing Turístico de Santa Catarina 2020 Plano de Marketing Turístico de Santa Catarina 2020 documento executivo O Plano Catarina 2020 foi aprovado por unanimidade pelo Conselho Estadual de Turismo do Estado de Santa Catarina na reunião celebrada

Leia mais

Relação de Varas e Juízos Cadastrados - PRODNASC

Relação de Varas e Juízos Cadastrados - PRODNASC Relação de Varas e Juízos Cadastrados - PRODNASC Nome da Vara ou Juízo Endereço Contato Abelardo Luz - Vara Única Avenida Padre João Smedt, 1667 Telefone: (49) 3445-8102 Complemento: Fórum Fax: (49) 3445-8101

Leia mais

CAPÍTULO 1 DISPOSIÇÕES GERAIS SEÇÃO I ORGANIZAÇÃO, JURISDIÇÃO E LIMITES

CAPÍTULO 1 DISPOSIÇÕES GERAIS SEÇÃO I ORGANIZAÇÃO, JURISDIÇÃO E LIMITES CAPÍTULO 1 DISPOSIÇÕES GERAIS 0101 COMPOSIÇÃO E JURISDIÇÃO SEÇÃO I ORGANIZAÇÃO, JURISDIÇÃO E LIMITES A Capitania dos Portos de Santa Catarina é composta pela sua sede em Florianópolis e as seguintes Organizações

Leia mais

Abdon Batista 2.653. Abelardo Luz 17.096. Agrolândia 9.328. Agronômica 4.885. Água Doce 6.932. Águas de Chapecó 6.100. Águas Frias 2.

Abdon Batista 2.653. Abelardo Luz 17.096. Agrolândia 9.328. Agronômica 4.885. Água Doce 6.932. Águas de Chapecó 6.100. Águas Frias 2. Abdon Batista 2.653 Abelardo Luz 17.096 Agrolândia 9.328 Agronômica 4.885 Água Doce 6.932 Águas de Chapecó 6.100 Águas Frias 2.424 Águas Mornas 5.540 Alfredo Wagner 9.335 Alto Bela Vista 2.005 Anchieta

Leia mais

O DESENVOLVIMENTO DA MEDICINA

O DESENVOLVIMENTO DA MEDICINA SPDM - ASSOCIAÇÃO PAULISTA PARA O DESENVOLVIMENTO DA MEDICINA RELATÓRIO TRIMESTRAL DE ATIVIDADES HOSPITAL FLORIANÓPOLIS CONTRATO DE GESTÃO N. 02/SES/SPG/SC/2013 TRIMESTRE DE ABRIL MAIO E JUNHO DE 2015

Leia mais

CURSOS SUPERIORES SENAI

CURSOS SUPERIORES SENAI CURSOS SUPERIORES SENAI USE NOSSO NOME PARA CONSTRUIR O SEU. EDITAL DE PROCESSO SELETIVO ESPECIAL 2º SEMESTRE 2014/2 WWW.SC.SENAI.BR 0800 48 1212 CURSOS SUPERIORES DE TECNOLOGIA SENAI/SC PROCESSO SELETIVO

Leia mais

Total de domicílios particulares não-ocupados de uso ocasional. Total de domicílios particulares não-ocupados vagos

Total de domicílios particulares não-ocupados de uso ocasional. Total de domicílios particulares não-ocupados vagos Nome do com sem 4200051 Abdon Batista 848 0 83 116 1.047 0 0 0 4200101 Abelardo Luz 5.017 0 152 492 5.661 3 1 2 4200200 Agrolândia 2.954 0 85 185 3.224 1 1 0 4200309 Agronômica 1.510 1 53 136 1.700 0 0

Leia mais

DA INDÚSTRIA NOS ESTADOS

DA INDÚSTRIA NOS ESTADOS PERFIL DA INDÚSTRIA NOS ESTADOS 2014 PER DA IND PERFIL DA INDÚSTRIA NOS ESTADOS 2014 CONFEDERAÇÃO NACIONAL DA INDÚSTRIA CNI Robson Braga de Andrade Presidente Diretoria de Políticas e Estratégia José Augusto

Leia mais

MANUAL DE PROCEDIMENTOS

MANUAL DE PROCEDIMENTOS MANUAL DE PROCEDIMENTOS SISTEMA DE OPERAÇÃO SUBSISTEMA ESTUDOS DO SISTEMA CÓDIGO TÍTULO FOLHA I-XXX-XXXX Requisitos para a Conexão de Micro ou Mini Geradores de Energia ao Sistema Elétrico da Celesc Distribuição

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SANTA CATARINA

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SANTA CATARINA Instituições Fiscalizadas Março 2013: Subseções Ambulatório do Presídio - Blumenau Ambulatório do Presídio - Indaial Ambulatório do Presídio Regional Itajaí Ambulatório Penitenciária - Itajaí Ambulatório

Leia mais

SANTA CATARINA. 5º Balanço. maio/setembro 2O12. O círculo virtuoso do desenvolvimento

SANTA CATARINA. 5º Balanço. maio/setembro 2O12. O círculo virtuoso do desenvolvimento SANTA CATARINA Santa Catarina O círculo virtuoso do desenvolvimento 5º Balanço maio/setembro 2O12 Apresentação A segunda fase do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) continua quebrando recordes.

Leia mais

EDITAL DO PREGÃO PRESENCIAL Nº 0003/2013-CINCO REGISTRO DE PREÇOS N 0012/2013-CINCO PROCESSO ADMINISTRATIVO LICITATÓRIO PAL Nº 0012/2013-CINCO

EDITAL DO PREGÃO PRESENCIAL Nº 0003/2013-CINCO REGISTRO DE PREÇOS N 0012/2013-CINCO PROCESSO ADMINISTRATIVO LICITATÓRIO PAL Nº 0012/2013-CINCO EDITAL DO PREGÃO PRESENCIAL Nº 0003/2013-CINCO REGISTRO DE PREÇOS N 0012/2013-CINCO PROCESSO ADMINISTRATIVO LICITATÓRIO PAL Nº 0012/2013-CINCO O CONSÓRCIO INTEGRADO DO CONTESTADO - CINCO, Consórcio Público,

Leia mais

Relatório de Atividades e Prestação de Contas Exercício 2012

Relatório de Atividades e Prestação de Contas Exercício 2012 Relatório de Atividades e Prestação de Contas Exercício 2012 Plano de Trabalho e Proposta Orçamentária Exercício 2013 SUMÁRIO APRESENTAÇÃO... 3 ESTRUTURA DO CIGA... 4 RELATÓRIO DE ATIVIDADES EXERCÍCIO

Leia mais

I Setor de Fiscalização

I Setor de Fiscalização I Setor de Fiscalização Região Oeste e Serrana Região Sul e Alto Vale Região Norte, Vale do Itajaí e Grande Florianópolis Total Geral de Municípios Visitados 109 municípios 39 municípios 32 municípios

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SANTA CATARINA

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SANTA CATARINA Instituições Fiscalizadas Novembro 2015: Sede e Subseções Abrigo Municipal Blumenau Ambulatório de Epidemiologia Canoinhas Ambulatório Geral Guilherme Gensen Blumenau Assistência Médica em Eventos (AME)

Leia mais

IMPLANTAÇÃO DO NÚCLEO DE FORMAÇÃO CONTINUADA DE CONSELHEIROS DOS DIREITOS E CONSELHEIROS TUTELARES DO ESTADO DE SANTA CATARIANA - ESCOLA DE CONSELHOS

IMPLANTAÇÃO DO NÚCLEO DE FORMAÇÃO CONTINUADA DE CONSELHEIROS DOS DIREITOS E CONSELHEIROS TUTELARES DO ESTADO DE SANTA CATARIANA - ESCOLA DE CONSELHOS Título da proposta: IMPLANTAÇÃO DO NÚCLEO DE FORMAÇÃO CONTINUADA DE CONSELHEIROS DOS DIREITOS E CONSELHEIROS TUTELARES DO ESTADO DE SANTA CATARIANA - ESCOLA DE CONSELHOS Novembro /2012 1 1. IDENTIFICAÇÃO:

Leia mais

Informativo Mensal de Emprego

Informativo Mensal de Emprego Informação e Análise do Mercado de Trabalho SECRETARIA DE ESTADO DA ASSISTÊNCIA SOCIAL, TRABALHO E HABITAÇÃO SST DIRETORIA DE TRABALHO E EMPREGO SETOR DE INFORMAÇÃO E ANÁLISE DO MERCADO DE TRABALHO Informativo

Leia mais

SANTA CATARINA UHE COLÍDER

SANTA CATARINA UHE COLÍDER SANTA CATARINA Santa Catarina UHE COLÍDER O círculo virtuoso do desenvolvimento ano I 3º Balanço 2011/2014 Apresentação Lançado em 2011 com o objetivo de dar continuidade ao programa que acelerou o crescimento

Leia mais

Estruturar informações econômicas básicas sobre a caracterização da indústria mineira no Estado de Minas Gerais e em suas Regionais.

Estruturar informações econômicas básicas sobre a caracterização da indústria mineira no Estado de Minas Gerais e em suas Regionais. Maio/2014 OBJETIVO Estruturar informações econômicas básicas sobre a caracterização da indústria mineira no Estado de Minas Gerais e em suas Regionais. Permitir ainda, uma análise comparativa da evolução

Leia mais

Plano de Ação de Assistência Social

Plano de Ação de Assistência Social 1/7 Abdon Batista/SC SC Conselho Aprovando Abelardo Luz/SC SC Aprovado Agrolândia/SC SC Conselho Aprovando Agronômica/SC SC Em Preenchimento Água Doce/SC SC Aprovado Águas de Chapecó/SC SC Em Preenchimento

Leia mais

SÉRIE 2013, Nº 05 - MESORREGIÃO SUL CATARINENSE

SÉRIE 2013, Nº 05 - MESORREGIÃO SUL CATARINENSE SÉRIE 2013, Nº 05 - MESORREGIÃO SUL CATARINENSE GOVERNO DO ESTADO DE SANTA CATARINA SECRETARIA DE ESTADO DA ASSISTÊNCIA SOCIAL, TRABALHO E HABITAÇÃO SST DIRETORIA DE TRABALHO E EMPREGO DITE SISTEMA NACIONAL

Leia mais

Luciana Uller anchietapj@mp.sc.gov.br. Caroline Moreira Suzin anitagaribaldipj@mp.sc.gov.br R. Vidal Ramos Junior, Sn

Luciana Uller anchietapj@mp.sc.gov.br. Caroline Moreira Suzin anitagaribaldipj@mp.sc.gov.br R. Vidal Ramos Junior, Sn MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE SANTA CATARINA ------------------------------------------------------------------------------------ Promotorias de Justiça com atribuição na defesa dos Direitos Humanos

Leia mais

SÉRIE 2013, Nº 02 - MESORREGIÃO NORTE CATARINENSE

SÉRIE 2013, Nº 02 - MESORREGIÃO NORTE CATARINENSE SÉRIE 2013, Nº 02 - MESORREGIÃO NORTE CATARINENSE GOVERNO DO ESTADO DE SANTA CATARINA SECRETARIA DE ESTADO DA ASSISTÊNCIA SOCIAL, TRABALHO E HABITAÇÃO SST DIRETORIA DE TRABALHO E EMPREGO DITE SISTEMA NACIONAL

Leia mais

Ações Preparatórias para o Verão 2014/2015

Ações Preparatórias para o Verão 2014/2015 Verão 2014/2015 2 A temporada de verão consiste no período do ano que requer maior atenção ao comportamento do sistema elétrico. Aumento significativo na demanda de energia: Elevado consumos dos sistemas

Leia mais

Avaliação das Contas Regionais do Piauí 2008

Avaliação das Contas Regionais do Piauí 2008 Avaliação das Contas Regionais do Piauí 2008 A economia piauiense, em 2008, apresentou expansão em volume do Produto Interno Bruto (PIB) de 8,8% em relação ao ano anterior. Foi a maior taxa de crescimento

Leia mais

DETERMINAÇÃO N.º 002/FUNDAÇÃO / 2009

DETERMINAÇÃO N.º 002/FUNDAÇÃO / 2009 DETERMINAÇÃO N.º 002/FUNDAÇÃO / 2009 ESTABELECE CRITÉRIOS E MEDIDAS DE CONTENÇÃO DE GASTOS COM ALIMENTAÇÃO, HOSPEDAGEM E DESLOCAMENTO, NO ÂMBITO DA FUNDAÇÃO UNIVALI. O Presidente da Fundação Universidade

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2015/1 APRENDIZAGEM INDUSTRIAL CANDIDATOS FORMALMENTE ENCAMINHADOS POR INDÚSTRIAS CONTRIBUINTES DO SENAI/SC

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2015/1 APRENDIZAGEM INDUSTRIAL CANDIDATOS FORMALMENTE ENCAMINHADOS POR INDÚSTRIAS CONTRIBUINTES DO SENAI/SC EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2015/1 APRENDIZAGEM INDUSTRIAL CANDIDATOS FORMALMENTE ENCAMINHADOS POR INDÚSTRIAS CONTRIBUINTES DO SENAI/SC 1. Apresentação O SENAI/SC torna pública a abertura do período para

Leia mais

CONTAS REGIONAIS DO AMAZONAS 2009 PRODUTO INTERNO BRUTO DO ESTADO DO AMAZONAS

CONTAS REGIONAIS DO AMAZONAS 2009 PRODUTO INTERNO BRUTO DO ESTADO DO AMAZONAS CONTAS REGIONAIS DO AMAZONAS 2009 PRODUTO INTERNO BRUTO DO ESTADO DO AMAZONAS APRESENTAÇÃO A Secretaria de Estado de Planejamento e Desenvolvimento Econômico SEPLAN em parceria com a SUFRAMA e sob a coordenação

Leia mais

Vestuário. Potencial de consumo do Norte catarinense. Relatório de Inteligência Analítico - dezembro 2012

Vestuário. Potencial de consumo do Norte catarinense. Relatório de Inteligência Analítico - dezembro 2012 Vestuário Potencial de consumo do Norte catarinense Relatório de Inteligência Analítico - dezembro 2012 Resumo Executivo As principais cidades em termos de consumo e populacionais da região Norte de são

Leia mais

Comitê Gestor do PAC

Comitê Gestor do PAC SANTA CATARINA ANOS BR-101/SC, Km 404 Apresentação A parceria do Governo Federal com os Estados e os s brasileiros, um dos pilares do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), assume importância ainda

Leia mais

CENTRAL DO RÁDIO ACAERT - RELÁTORIO DE FATURAMENTO

CENTRAL DO RÁDIO ACAERT - RELÁTORIO DE FATURAMENTO CENTRAL DO RÁDIO - RELÁTORIO DE FATURAMENTO POR AGÊNCIA 27/01/2014 Agência: V.Líquido Pgto 27/01/14 R$ Nr. NFiscal 25311/2013/C RADIO FM POP 98.9 (PORTO BELO) PORTO BELO 15/01/2014 745,00 546 02/12/2013

Leia mais