CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Edital de Retificação Pregão Eletrônico n. 109/2015 Processo n /2013

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Edital de Retificação Pregão Eletrônico n. 109/2015 Processo n. 114.273/2013"

Transcrição

1 EDITAL DE RETIFICAÇÃO CONSOLIDADO DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 109/15 As alterações estão destacadas por meio de moldura SECPL Objeto: Prestação de serviço telefônico fixo comutado local, longa distância nacional e longa distância internacional e de conexão à internet de alta velocidade. Valor Global Anual Estimado: R$ ,65 (quatrocentos e trinta e quatro mil e setenta e seis reais e sessenta e cinco centavos). Local (sítio da Internet): UASG: Data e horário 10/8/2015 Procedimento - Divulgação do Pregão, mediante aviso publicado no Diário Oficial da União e nos sítios eletrônicos: e - Início do cadastramento eletrônico de propostas 21/8/2015 às 10h Informações Adicionais: Abertura da sessão pública do Pregão, envolvendo: a) abertura e classificação das propostas formuladas em perfeita consonância com as especificações e condições previstas neste Edital e eletronicamente cadastradas; b) divulgação do valor da proposta de menor preço, vedada a identificação da respectiva proponente; c) abertura da disputa de preços. Telefones: (61) , e Fax: (61) Endereço eletrônico: Endereço: Câmara dos Deputados Comissão Permanente de Licitação Secretaria Executiva da Comissão Permanente de Licitação Edifício Anexo I, 14º andar, sala 1408, Brasília DF CEP: Todas as referências de tempo contidas neste Edital observarão o horário de Brasília-DF. A formalização de pedidos de esclarecimentos e de petições de impugnações ao Ato Convocatório deverá ser enviada exclusivamente para o endereço eletrônico Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ) da Câmara dos Deputados: /

2 Edital de Retificação Consolidado Pregão Eletrônico n. 109/2015 Todos os documentos a serem encaminhados eletronicamente deverão ser configurados, preferencialmente, nos seguintes formatos: Adobe Acrobat Reader (extensão.pdf), Word (extensão.doc ou.docx), Excel (extensão.xls ou.xlsx), podendo ainda ser processados por compactação nos formatos ZIP (extensão.zip) ou RAR (extensão.rar). 2

3 SECPL CÂMARA DOS DEPUTADOS ÍNDICE DO EDITAL 1. DO OBJETO DA LICITAÇÃO DA FORMULAÇÃO DE IMPUGNAÇÕES E DOS PEDIDOS DE ESCLARECIMENTOS DA PARTICIPAÇÃO E DOS IMPEDIMENTOS À PARTICIPAÇÃO DA PROPOSTA DA ABERTURA DA SESSÃO DA CLASSIFICAÇÃO DAS PROPOSTAS DOS LANCES DO DIREITO DE PREFERÊNCIA E DA NEGOCIAÇÃO DO JULGAMENTO DAS PROPOSTAS DA HABILITAÇÃO DO RECURSO E DA ADJUDICAÇÃO DO ENCAMINHAMENTO DA DOCUMENTAÇÃO ORIGINAL DAS DISPOSIÇÕES GERAIS DO FORO ANEXO N. 1 - TERMO DE REFERÊNCIA ANEXO N. 2 DA CONTRATAÇÃO ANEXO N. 3 - DAS SANÇÕES ADMINISTRATIVAS ANEXO N. 4 - MODELO DA PROPOSTA COMPLETA ANEXO N. 5 - ORÇAMENTO ESTIMADO ANEXO N. 6 - MINUTA DO CONTRATO

4 Edital de Retificação Consolidado Pregão Eletrônico n. 109/2015 A da Câmara dos Deputados, por intermédio deste Pregoeiro legalmente designado, e tendo em vista o que consta do, torna pública, para conhecimento dos interessados, a abertura de licitação, na modalidade PREGÃO ELETRÔNICO, mediante as condições estabelecidas neste Edital. O Pregão, do tipo "MENOR PREÇO", na forma de execução indireta sob o regime de empreitada por preço unitário, reger-se-á pelo disposto neste Edital e em seus Anexos; pela Lei , de 2002; pelo Decreto 5.450, de 2005; pela Portaria n. 1 de 2003, da Primeira-Secretaria da Câmara dos Deputados; pela Lei Complementar 123, de 2006; pelo REGULAMENTO DOS PROCEDIMENTOS LICITATÓRIOS DA CÂMARA DOS DEPUTADOS, doravante designado como REGULAMENTO, aprovado pelo Ato da Mesa n. 80, de 7 de junho de 2001, e publicado no Diário Oficial da União de 5 de julho de 2001 e pela Lei 8.666, de 1993, no que couber. 1. DO OBJETO DA LICITAÇÃO 1.1. O objeto do presente PREGÃO é a prestação de serviço telefônico fixo comutado local, longa distância nacional e longa distância internacional e de conexão à internet de alta velocidade, de acordo com as quantidades e especificações técnicas descritas neste Edital Em caso de discordância existente entre as especificações descritas no ComprasNet e as especificações constantes deste Edital, prevalecerão as do Edital. 2. DA FORMULAÇÃO DE IMPUGNAÇÕES E DOS PEDIDOS DE ESCLARECIMENTOS 2.1. Até dois dias úteis antes da data fixada para abertura da sessão pública, qualquer pessoa poderá impugnar o ato convocatório do Pregão, por meio do envio da petição ao Pregoeiro exclusivamente pelo endereço eletrônico Caberá ao Pregoeiro decidir sobre a petição, no prazo de vinte e quatro horas, contadas de seu recebimento Acolhida a petição contra o ato convocatório, caso advenha eventual modificação do Edital que afete a formulação das propostas, será designada nova data para a realização do certame Os pedidos de esclarecimentos referentes ao Pregão deverão ser encaminhados ao Pregoeiro até três dias úteis anteriores à data fixada para abertura da sessão pública exclusivamente pelo endereço eletrônico As respostas dadas aos pedidos de esclarecimentos, omitidos os nomes das consulentes, serão disponibilizadas em campo próprio do sistema e também na página 3. DA PARTICIPAÇÃO E DOS IMPEDIMENTOS À PARTICIPAÇÃO 3.1. Poderão participar deste Pregão as interessadas que estiverem previamente credenciadas no Sistema de Cadastramento Unificado de Fornecedores (SICAF) e perante o sistema eletrônico provido pela Secretaria de Logística e 4

5 SECPL CÂMARA DOS DEPUTADOS Tecnologia da Informação do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (SLTI/MPOG), por meio do sítio da Internet Para ter acesso ao sistema eletrônico, as interessadas em participar deste Pregão deverão dispor de chave de identificação e senha pessoal, obtidas junto ao órgão cadastrador, onde também deverão informar-se a respeito do seu funcionamento O uso da senha de acesso pela licitante é de sua responsabilidade exclusiva, incluindo qualquer transação por ela efetuada diretamente, ou por seu representante, não cabendo ao provedor do sistema ou à Câmara dos Deputados responsabilidade por eventuais danos decorrentes do uso indevido da senha, ainda que por terceiros Serão reputadas como firmes e verdadeiras as propostas e os lances efetuados em nome da licitante Não poderão participar deste Pregão: a) empresário ou sociedade empresarial suspensos temporariamente de participar de licitação e impedidos de contratar com a Câmara dos Deputados, conforme inciso III do artigo 87 da Lei 8.666, de 1993, e inciso III do artigo 135 do REGULAMENTO, durante o prazo da sanção aplicada; b) empresário ou sociedade empresarial impedidos de licitar e contratar com a União, conforme artigo 7º da Lei , de 2002, durante o prazo da sanção aplicada; c) empresário ou sociedade empresarial declarados inidôneos para licitar ou contratar com a Administração Pública, enquanto perdurarem os motivos determinantes da punição ou até que seja promovida sua reabilitação; d) sociedade estrangeira não autorizada a funcionar no País; e) empresário ou sociedade empresarial cujos estatuto ou contrato social não preveja atividade pertinente e compatível com o objeto deste Pregão; f) empresário ou sociedade empresarial que se encontrem em processo de dissolução, recuperação judicial, recuperação extrajudicial, falência, concordata, fusão, cisão, ou incorporação; g) sociedades integrantes de um mesmo grupo econômico, assim entendidas aquelas que tenham diretores, sócios ou representantes legais comuns, ou que utilizem recursos materiais, tecnológicos ou humanos em comum, exceto se demonstrado que não agem representando interesse econômico em comum; h) consórcio de empresa, qualquer que seja sua forma de constituição; i) servidor ou parlamentar da Câmara dos Deputados. 5

6 Edital de Retificação Consolidado Pregão Eletrônico n. 109/ DA PROPOSTA 4.1. A proposta deverá ser registrada no sistema até a data e o horário fixados para a abertura da sessão pública do Pregão, quando, então, encerrar-se-á automaticamente a fase de recebimento de propostas A licitante deverá declarar, em campo próprio do sistema, que cumpre plenamente os requisitos de habilitação exigidos neste Edital e que sua proposta está em conformidade com as exigências deste Edital A licitante deverá declarar, em campo próprio do sistema, que até a data de cadastramento eletrônico da proposta, inexistem fatos impeditivos para a sua habilitação no presente processo licitatório e que está ciente da obrigatoriedade de declarar ocorrências posteriores A licitante deverá declarar, em campo próprio do sistema, sob pena de inabilitação, que não emprega menores de dezoito anos em trabalho noturno, perigoso ou insalubre, nem menores de dezesseis anos em qualquer trabalho, salvo na condição de aprendiz, a partir dos quatorze anos A licitante deverá declarar, em campo próprio do sistema, que a proposta apresentada para a presente licitação foi elaborada de maneira independente, de acordo com o que é estabelecido na Instrução Normativa n. 2 de 16 de setembro de 2009 da SLTI/MPOG A licitante enquadrada como microempresa ou empresa de pequeno porte deverá declarar, em campo próprio do sistema, que atende aos requisitos do art. 3º da Lei Complementar 123, de 2006, para fazer jus aos benefícios previstos nessa lei Durante a fase de recebimento de propostas, a licitante poderá incluir, alterar ou excluir a sua proposta O(s) preço(s) registrado(s) na forma expressa no sistema eletrônico deverá(ão) incluir todos os custos e todas as despesas, diretas e indiretas, para prestação dos serviços objeto desta licitação para a Câmara dos Deputados, em Brasília-DF Qualquer elemento que possa identificar a licitante importa desclassificação da proposta, sem prejuízo das sanções previstas neste Edital O CNPJ da licitante utilizado para cadastramento de sua proposta deverá ser o mesmo constante da documentação apresentada ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão para registro no SICAF. 5. DA ABERTURA DA SESSÃO 5.1. A abertura da sessão pública deste Pregão, conduzida pelo Pregoeiro, ocorrerá na data, hora e no sítio da Internet indicados na primeira página deste Edital Durante a sessão pública, a comunicação entre o Pregoeiro e as licitantes ocorrerá exclusivamente mediante troca de mensagens, em campo próprio do sistema Caberá à licitante acompanhar as operações no sistema eletrônico durante a sessão pública do Pregão, ficando responsável pelo ônus decorrente da 6

7 SECPL CÂMARA DOS DEPUTADOS perda de negócios diante da inobservância de qualquer mensagem emitida pelo sistema ou de sua desconexão. 6. DA CLASSIFICAÇÃO DAS PROPOSTAS 6.1. O Pregoeiro verificará as propostas apresentadas e desclassificará, motivadamente, aquelas que não estejam em conformidade com os requisitos estabelecidos neste Edital Somente as licitantes com propostas classificadas participarão da fase de lances O critério a ser utilizado para a classificação das propostas será o de menor preço global anual para o item, observado, em qualquer caso, o disposto no item 9.2 do presente Edital. 7. DOS LANCES 7.1. Aberta a etapa competitiva, as licitantes classificadas poderão oferecer lances sucessivos para o item, exclusivamente por meio do sistema eletrônico, sendo imediatamente informadas, em tempo real, do seu recebimento, do horário do registro e do valor ofertado A licitante poderá oferecer lances sucessivos, inferiores ao último por ela ofertado e registrado no sistema Na ocorrência de dois ou mais lances de mesmo valor, para efeito de classificação, será considerado aquele que for recebido e registrado em primeiro lugar pelo sistema Não será admitida desistência de lances ofertados, sujeitando-se a licitante às sanções administrativas constantes deste Edital Os lances apresentados e levados em consideração para efeito de julgamento serão de exclusiva e total responsabilidade da licitante, não lhe cabendo o direito de pleitear qualquer alteração Durante a fase de lances, o Pregoeiro poderá excluir, justificadamente, lance cujo valor for considerado inexequível Se ocorrer a desconexão do Pregoeiro no decorrer da etapa de lances, e o sistema eletrônico permanecer acessível às licitantes, os lances continuarão sendo recebidos, sem prejuízo dos atos realizados No caso de a desconexão do Pregoeiro persistir por tempo superior a 10 (dez) minutos, a sessão do Pregão será suspensa automaticamente e terá reinício somente após comunicação expressa aos participantes no sítio O Pregoeiro encerrará a primeira fase da etapa de lances e informará a duração do tempo de iminência, que poderá ser de 1 a 60 minutos Decorrido o prazo fixado pelo Pregoeiro, terá início o período de tempo aleatoriamente determinado pelo sistema, que poderá ser de até 30 minutos, findo o qual será automaticamente encerrada a fase de lances. 7

8 Edital de Retificação Consolidado Pregão Eletrônico n. 109/ DO DIREITO DE PREFERÊNCIA E DA NEGOCIAÇÃO 8.1. Após a fase de lances, se a proposta mais bem classificada não tiver sido apresentada por microempresa ou empresa de pequeno porte, e houver proposta de microempresa ou empresa de pequeno porte que seja igual ou até 5% (cinco por cento) superior à proposta mais bem classificada, proceder-se-á da seguinte forma: A microempresa ou a empresa de pequeno porte mais bem classificada poderá, no prazo de 5 (cinco) minutos, controlados pelo Sistema, apresentar proposta de preço inferior à da licitante mais bem classificada e, se atendidas as exigências deste Edital, ser considerada vencedora Não tendo sido considerada vencedora a microempresa ou empresa de pequeno porte mais bem classificada, na forma do subitem anterior, e havendo outras licitantes que se enquadram na condição prevista neste item, estas serão convocadas, na ordem classificatória, para o exercício do mesmo direito No caso de equivalência dos valores apresentados pelas microempresas e empresas de pequeno porte que se encontrem no intervalo estabelecido neste item, o sistema fará um sorteio eletrônico, definindo automaticamente a vencedora para o encaminhamento da oferta final do desempate, conforme inciso III do art. 45 da Lei Complementar 123, de A convocada que não apresentar proposta dentro do prazo de 5 (cinco) minutos, controlados pelo Sistema, decairá do direito previsto nos artigos 44 e 45 da Lei Complementar 123, de O Pregoeiro poderá solicitar documentos que comprovem o enquadramento da licitante na categoria de microempresa ou empresa de pequeno porte Em não se confirmando a condição de vencedora à microempresa ou empresa de pequeno porte, nos termos previstos neste item, o procedimento licitatório prossegue com as demais licitantes O Pregoeiro poderá encaminhar contraproposta diretamente à licitante que tenha apresentado a proposta ou o lance mais vantajoso, observado o critério de julgamento e o valor estimado para a contratação A negociação será realizada por meio do sistema, podendo ser acompanhada pelas demais licitantes. 9. DO JULGAMENTO DAS PROPOSTAS 9.1. A licitante classificada provisoriamente em primeiro lugar deverá encaminhar a proposta completa, no modelo do Anexo n. 4, adequada ao último lance, no prazo a ser estabelecido pelo Pregoeiro, que não será inferior a 30 (trinta) minutos, por meio da opção Enviar Anexo do sistema ComprasNet, preferencialmente em arquivo único compactado Deverá integrar a proposta declaração da licitante de que disponibilizará instalações, equipamentos e pessoal técnico adequados para realização do objeto da presente licitação A proposta terá validade de, no mínimo, 60 (sessenta) dias, contados da data de abertura da sessão pública. 8

9 SECPL CÂMARA DOS DEPUTADOS Decorrido o prazo de validade da proposta, sem convocação para contratação, fica a licitante liberada do compromisso assumido Não será considerada qualquer oferta de vantagem não prevista neste Edital, sendo ainda desclassificada a proposta que consignar preços excessivos, manifestamente inexequíveis, simbólicos, irrisórios ou de valor zero Entende-se por preço excessivo aquele que, após a fase de lances ou negociação, extrapolar os valores globais anuais apresentados no orçamento estimado constante deste Edital A licitante que abandonar o certame, deixando de enviar a documentação exigida neste Título, será desclassificada, sem prejuízo das sanções cabíveis Verificar-se-á a conformidade da proposta com as exigências do Edital, em relação às especificações técnicas e ao preço final ofertado O Pregoeiro poderá solicitar manifestação ou parecer de técnicos pertencentes ao quadro de pessoal da Câmara dos Deputados ou, ainda, de pessoas físicas ou jurídicas estranhas a ele a fim de orientar sua decisão quanto à adequação da proposta aos requisitos técnicos fixados no Edital Erros e omissões existentes na proposta de preços poderão ser retificados pela licitante, após solicitação e/ou consentimento do Pregoeiro, desde que o preço final ofertado não sofra acréscimo Toda a documentação recebida será disponibilizada eletronicamente a todos os participantes do certame Concluídos os procedimentos descritos neste Título, o Pregoeiro anunciará o resultado do julgamento da proposta, realizado com base no critério estabelecido no item 6.3 do Edital No caso de não aceitação da proposta, o Pregoeiro examinará a proposta ou o lance imediatamente subsequente. 10. DA HABILITAÇÃO A habilitação da licitante será verificada por meio do SICAF (habilitação parcial) e demais documentos de que trata este Título A licitante que não atender às exigências de habilitação parcial no SICAF deverá apresentar documentos que supram tais exigências A licitante classificada provisoriamente em primeiro lugar deverá apresentar, no prazo a ser estabelecido pelo Pregoeiro, que não será inferior a 2 (duas) horas, a seguinte documentação complementar, remetida por meio da opção Enviar Anexo do sistema ComprasNet, preferencialmente em arquivo único compactado: a) Os documentos que não estejam contemplados no SICAF; b) Certidão Negativa de Débitos Trabalhistas (CNDT), em obediência ao inciso V do art. 29 da Lei 8.666, de 1993, incluído pela Lei , de 2011; 9

10 Edital de Retificação Consolidado Pregão Eletrônico n. 109/2015 c) Certidão Negativa de Falência, Concordata, Recuperação Judicial ou Recuperação Extrajudicial, expedida pelo cartório distribuidor da Sede da licitante, dentro do prazo de validade indicado no documento, ou datada dos últimos cento e oitenta dias, se a validade não estiver expressa na certidão; d) declaração de que são detentoras de Contrato de Concessão ou Termo de Permissão ou Autorização para exploração de Serviço Telefônico Fixo Comutado (STFC) nas seguintes modalidades, outorgadas pelo poder concedente, nos termos da legislação vigente: d.1) para o Item 1 do objeto: STFC Local no setor que compreende o Distrito Federal; d.2) para o Item 2 do objeto: STFC de Longa Distância das Regiões I, II e III para o Distrito Federal O Pregoeiro poderá consultar sítios oficiais de órgãos e entidades emissores de certidões, para verificar as condições de habilitação da licitante Os documentos remetidos por meio da opção Enviar Anexo do sistema ComprasNet poderão ser solicitados em original ou por cópia autenticada a qualquer momento Nesse caso, os documentos deverão ser encaminhados, no prazo estabelecido pelo Pregoeiro, à Secretaria Executiva da Comissão Permanente de Licitação, localizada no endereço da Comissão citado na página Sob pena de inabilitação, os documentos encaminhados deverão estar em nome da licitante, com indicação do número de inscrição no CNPJ, que deverá ser o mesmo utilizado para cadastramento de sua proposta Em se tratando de filial, os documentos de habilitação jurídica e regularidade fiscal e trabalhista deverão estar em nome da filial, exceto aqueles que, pela própria natureza, são emitidos somente em nome da matriz Todos os documentos emitidos em língua estrangeira deverão ser entregues acompanhados da tradução para língua portuguesa, efetuada por tradutor juramentado, e também devidamente consularizados ou registrados no cartório de títulos e documentos Documentos de procedência estrangeira, mas emitidos em língua portuguesa, também deverão ser apresentados devidamente consularizados ou registrados em cartório de títulos e documentos Em se tratando de microempresa ou empresa de pequeno porte, havendo alguma restrição na comprovação de regularidade fiscal, será assegurado o prazo de 5 (cinco) dias úteis, cujo termo inicial corresponderá ao momento em que a proponente for declarada vencedora do certame, prorrogáveis por igual período, a critério da Administração, para a regularização da documentação, pagamento ou parcelamento do débito, emissão de eventuais certidões negativas ou positivas com efeito de certidão negativa A não regularização da documentação no prazo previsto implicará decadência do direito à contratação, sem prejuízo das sanções previstas neste 10

11 SECPL CÂMARA DOS DEPUTADOS Edital, e facultará ao Pregoeiro convocar as licitantes remanescentes, na ordem de classificação O Pregoeiro verificará, durante a fase de habilitação das empresas, além da habitual pesquisa já realizada no SICAF, a existência de registros impeditivos da contratação: a) no Cadastro Nacional de Empresas Inidôneas e Suspensas da Controladoria-Geral da União (CGU), disponível no Portal da Transparência (http://www.portaltransparencia.gov.br); b) por improbidade administrativa no Cadastro Nacional de Condenações Cíveis por Ato de Improbidade Administrativa, disponível no Portal do Conselho Nacional de Justiça(CNJ); c) por composição societária das empresas a serem contratadas, mediante pesquisa no SICAF, a fim de se certificar se entre os sócios há servidores do próprio órgão contratante, abstendo-se de celebrar contrato nessas condições, em atenção ao art. 9º, inciso III, da Lei 8.666, de O Pregoeiro verificará, no Portal da Transparência (http://www.portaltransparencia.gov.br), quando da habilitação de microempresa e empresa de pequeno porte, além das situações descritas no item anterior, se o somatório de ordens bancárias recebidas pela empresa, relativas ao seu último exercício, já seria suficiente para extrapolar o faturamento máximo permitido como condição para esse benefício, conforme art. 3º da Lei Complementar 123, de Caso não tenham sido atendidas as exigências para habilitação, o Pregoeiro declarará a licitante inabilitada e convocará a autora do menor preço subsequente, repetindo os procedimentos, até que se logre a habilitação da licitante que tenha atendido todas as exigências para essa finalidade. 11. DO RECURSO E DA ADJUDICAÇÃO Após a divulgação da vencedora do item, as licitantes poderão manifestarse pela intenção de interpor recurso contra a decisão do Pregoeiro, em campo próprio do sistema eletrônico, apresentando, na forma disponibilizada pelo sistema eletrônico, de modo objetivo e conciso, os motivos da contestação O Pregoeiro estabelecerá o prazo para manifestação pela intenção de interpor recurso, que não será inferior a 30 (trinta) minutos A falta de manifestação motivada pela interposição de recurso, dentro do prazo estabelecido pelo Pregoeiro, importará a decadência do direito de recorrer O Pregoeiro examinará a intenção de recurso, motivadamente, aceitandoa ou rejeitando-a, em campo próprio do sistema A licitante que tiver sua intenção de recurso aceita deverá apresentar as razões do recurso, em campo próprio do sistema, no prazo de três dias, ficando as demais licitantes, desde logo, intimadas a apresentar contrarrazões, também via sistema, em igual prazo, que começará a correr do término do prazo da recorrente. 11

12 Edital de Retificação Consolidado Pregão Eletrônico n. 109/ Os autos do processo permanecerão com vista franqueada às interessadas na Secretaria da Comissão Permanente de Licitação, localizada no endereço da Comissão citado na página O recurso contra a decisão do Pregoeiro terá efeito suspensivo e o seu acolhimento importará a invalidação apenas dos atos insuscetíveis de aproveitamento Caso não reconsidere sua decisão, o Pregoeiro submeterá o recurso devidamente informado à consideração do Diretor-Geral para fins de decisão quanto ao recurso e à adjudicação do objeto Em caso de não ser aceita a manifestação quanto à intenção de recurso, por falta de fundamentação, ou se não ocorrerem manifestações formais no sentido de interpor recurso, o Pregoeiro adjudicará o objeto do Pregão à licitante vencedora O ato de adjudicação do objeto do procedimento licitatório pelo Pregoeiro ficará sujeito à homologação do Diretor-Geral da Câmara dos Deputados. 12. DO ENCAMINHAMENTO DA DOCUMENTAÇÃO ORIGINAL Após o encerramento da sessão do Pregão, no prazo de até três dias úteis, contados da adjudicação, a proposta completa ajustada ao lance final da licitante vencedora e, se for o caso, a documentação técnica, bem como os documentos exigidos para habilitação, deverão ser encaminhados em original ou por cópia autenticada, à Secretaria da Comissão Permanente de Licitação da Câmara dos Deputados, localizada no endereço da Comissão citado na página A proposta completa original deverá ser apresentada sem emendas, rasuras ou entrelinhas, datada, assinada por quem de direito, preferencialmente em duas vias. 13. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS O Pregão poderá ser transferido a critério da Câmara dos Deputados; revogado, por razões de interesse público decorrente de fato superveniente devidamente comprovado, pertinente e suficiente para justificar tal conduta; ou, ainda, anulado por ilegalidade, de ofício ou por provocação de terceiros, mediante ato escrito e devidamente fundamentado No caso de desfazimento do procedimento licitatório fica assegurado o contraditório e a ampla defesa A Câmara dos Deputados, assegurado o direito de defesa, por despacho fundamentado de seu Diretor-Geral, poderá desclassificar licitante, sem que a esta caiba o direito de reclamar qualquer indenização e sem prejuízo de outras sanções, se lhe chegar ao conhecimento qualquer fato ou circunstância, anterior ou posterior ao julgamento desta licitação, que desabone ou infirme a idoneidade, a capacidade jurídica, financeira ou técnica da participante É facultado ao Pregoeiro ou à autoridade superior, em qualquer fase da licitação, promover diligência destinada a esclarecer ou complementar a instrução do processo, interpretando as normas em favor da ampliação da disputa entre os interessados, desde que não comprometam o interesse da Administração, a finalidade e a segurança da contratação, vedada a inclusão posterior de 12

13 13 SECPL documentação ou informação que deveria constar originariamente da proposta ou de seus anexos Quando do julgamento das propostas e da habilitação, o Pregoeiro poderá sanar erros ou falhas que não alterem a substância das propostas, dos documentos e sua validade jurídica, mediante despacho fundamentado, registrado em ata e acessível a todos, atribuindo-lhes validade e eficácia para fins de classificação e de habilitação Os prazos referidos neste Edital e em seus Anexos começam a fluir a partir do termo inicial preestabelecido, ou da intimação formal realizada pela Câmara dos Deputados Consideram-se feitas as intimações, convocações ou comunicações às participantes, conforme o caso: a) na própria sessão pública do Pregão Eletrônico; b) pela publicação dos atos no Diário Oficial da União; c) por carta; d) ou, quando cabível, por meio de mensagem apresentada no sítio eletrônico Só se iniciam e vencem os prazos em dia de expediente normal da Câmara dos Deputados Na contagem dos prazos estabelecidos neste Edital e em seus Anexos, excluir-se-á o dia do início e incluir-se-á o do vencimento Os casos omissos e as dúvidas suscitadas em qualquer fase do presente Pregão serão resolvidos pelo Pregoeiro Durante a execução contratual, sendo a Contratada objeto de fusão, incorporação ou cisão, a Câmara dos Deputados examinará a conveniência de manter em vigência o Contrato celebrado A manutenção da vigência contratual dependerá, em qualquer caso, do atendimento pela nova sociedade empresária das condições de habilitação consignadas neste Edital e de não serem alteradas as condições de execução do Contrato Os documentos constantes do processo de licitação, incluindo este Edital e seus Anexos, poderão ser consultados na Comissão Permanente de Licitação, no endereço citado na página 1, facultada a obtenção de cópias mediante o recolhimento da importância devida em favor do Fundo Rotativo da Câmara dos Deputados O recolhimento deve ser feito por meio de Guia de Recolhimento da União (GRU) Simples nos terminais de auto atendimento do Banco do Brasil e na página da Internet, ambos por meio da opção "pagamentos c/ código de barras Água/Luz/Telefone/Gás", ou diretamente ao caixa A GRU Simples pode ser gerada mediante acesso ao portal SIAFI no endereço e deve ser preenchida com os seguintes campos: a) Unidade Favorecida (Código): , Gestão: 00001;

14 14. DO FORO CÂMARA DOS DEPUTADOS Edital de Retificação Consolidado Pregão Eletrônico n. 109/2015 b) Recolhimento (Código): ; c) Número de Referência: Fica eleito o foro da Justiça Federal em Brasília, Distrito Federal, para decidir demandas judiciais decorrentes deste procedimento licitatório. Brasília, 7 de agosto de José Martinichen Filho Pregoeiro 14

15 SECPL CÂMARA DOS DEPUTADOS 1. DA JUSTIFICATIVA ANEXO N. 1 TERMO DE REFERÊNCIA A contratação visa garantir serviços de telefonia fixa e de conexão à internet para unidades administrativas não abrangidas pela Central de Comutação Privativa da Câmara dos Deputados. 2. DA DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA A despesa relativa ao objeto deste Pregão correrá à conta de dotação existente com a seguinte classificação orçamentária: - Programa de Trabalho: Processo Legislativo, Fiscalização e Representação Política (Administração Legislativa) - Natureza da Despesa: Despesas Correntes Outras Despesas Correntes Aplicações Diretas Outros Serviços de Terceiros Pessoa Jurídica 3. DAS ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS Item 1 SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO (STFC) LOCAL E SERVIÇO DE CONEXÃO À INTERNET (SCI) DESCRIÇÃO DO SERVIÇO: Serviço de Conexão à Internet (SCI) de Alta Velocidade e Serviço Telefônico Fixo Comutado (STFC) local em linhas telefônicas da Câmara dos Deputados, a partir do setor que compreende o Distrito Federal, para telefone fixo ou telefone móvel do Serviço Móvel Pessoal (SMP), bem como ligações a cobrar e serviços de valor agregado cobrados em conta telefônica. LOCAL(IS) DA PRESTAÇÃO DO SERVIÇO: SQN 202, Blocos: I, J, K e L ; SQN 302, Blocos: A, B, C, D, E, F, G, H e I ; SQS 311, Blocos: A, B e I ; SQS 111, Blocos: I e G. Unidade: SERVIÇO Quantidade: 1 Item 2 SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO DE LONGA DISTÂNCIA NACIONAL - STFC LDN PARA A REGIÃO I, REGIÃO II E REGIÃO III; E SERVIÇO TELEFÔNICO FIXO COMUTADO DE LONGA DISTÂNCIA INTERNACIONAL - STFC LDI DESCRIÇÃO DO SERVIÇO: Serviço Telefônico Fixo Comutado (STFC) de Longa Distância Nacional para telefone fixo ou telefone móvel do Serviço Móvel Pessoal (SMP) da Região I, assim entendidas as ligações originadas no Distrito Federal e destinadas às localidades nos Estados de Alagoas, Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Roraima e Sergipe, bem como as ligações a cobrar recebidas desta Região e serviços de valor agregado cobrados na conta telefônica. 15

16 Edital de Retificação Consolidado Pregão Eletrônico n. 109/2015 Serviço Telefônico Fixo Comutado de Longa Distância Nacional para telefone fixo ou telefone móvel do Serviço Móvel Pessoal (SMP) da Região II, assim entendidas as ligações originadas no Distrito Federal e destinadas às localidades nos Estados do Acre, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraná, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina e Tocantins, bem como as ligações a cobrar recebidas desta Região e serviços de valor agregado cobrados na conta telefônica. Serviço Telefônico Fixo Comutado de Longa Distância Nacional para telefone fixo ou telefone móvel do Serviço Móvel Pessoal (SMP) da Região III, assim entendidas as ligações originadas no Distrito Federal e destinadas às localidades no Estado de São Paulo, bem como as ligações a cobrar recebidas desta Região e serviços de valor agregado cobrados na conta telefônica. Serviço Telefônico Fixo Comutado de Longa Distância Internacional para telefone fixo ou telefone móvel do Serviço Móvel Pessoal (SMP), assim entendidas as ligações originadas no Distrito Federal e destinadas ao exterior, bem como as ligações a cobrar recebidas do exterior e serviços de valor agregado cobrados na conta telefônica. LOCAL DA PRESTAÇÃO DO SERVIÇO: SQN 202, Blocos: I, J, K e L ; SQN 302, Blocos: A, B, C, D, E, F, G, H e I ; SQS 311, Blocos: A, B e I ; SQS 111, Blocos: I e G. SHIS QL 12, CJ 11; SIA, Trecho 5; SCS, Quadra 2, Bloco B; Rod. DF 001, km 01, Centro de Transmissão de TV; Aeroporto Internacional de Brasília; Câmara dos Deputados e Anexos, Esplanada. Unidade: SERVIÇO Quantidade: 1 4. DAS DEFINIÇÕES 4.1. Agência Nacional de Telecomunicações (ANATEL): entidade integrante da Administração Pública Federal indireta, submetida a regime autárquico especial e vinculada ao Ministério das Comunicações, com a função de órgão regulador das telecomunicações no Brasil e com sede no Distrito Federal Serviço de Telecomunicações: aquele que, por meio da transmissão de voz e de outros sinais, destina-se à comunicação entre pontos fixos determinados, situados em áreas locais distintas no território nacional, dentro das regiões definidas no Plano Geral de Outorga Serviço Telefônico Fixo Comutado (STFC): definido no Plano Geral de Outorga como o serviço de telecomunicações que, por meio da transmissão de voz e de outros sinais, destina-se à comunicação entre pontos fixos determinados, utilizando processos de telefonia Região: divisão geográfica estabelecida no Plano Geral de Outorgas (PGO), aprovado pelo Decreto n.º 2.534, de 2 de abril de Setor: subdivisão geográfica das Regiões definidas pelo Plano Geral de Outorgas, constituída de estados e/ou municípios. 16

17 SECPL CÂMARA DOS DEPUTADOS 4.6. Serviço Telefônico Fixo Comutado na modalidade Local no setor que compreende o Distrito Federal: é o serviço de telecomunicações que se destina à comunicação entre pontos fixos determinados, situados no Distrito Federal Serviço Telefônico Fixo Comutado na modalidade de Longa Distância Nacional Intra-regional: modalidade de STFC cujas chamadas são originadas no setor que compreende o Distrito Federal, na Região II, para outros setores na Região II (Acre, Rondônia, Tocantins, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná) Interregional da Região II para as Regiões I e III, a partir do setor que compreende o Distrito Federal: modalidade do STFC cujas chamadas são originadas no setor que compreende o Distrito Federal, na Região II, e terminadas em setores das Regiões I (Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo, Bahia, Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará, Piauí, Maranhão, Pará, Amapá, Amazonas e Roraima) e III (São Paulo) Serviço Telefônico Fixo Comutado na modalidade de Longa Distância Internacional, a partir do setor que compreende o Distrito Federal: modalidade do STFC cujas chamadas são originadas no setor que compreende o Distrito Federal e terminadas no exterior Prestadora de STFC: Empresa outorgada/autorizada para prestar serviço telefônico fixo comutado nas modalidades local, nacional ou internacional Plano de Serviço: documento que descreve as condições de prestação do serviço quanto ao seu acesso, manutenção do direito de uso, utilização de serviços eventuais e suplementares a eles inerentes, as tarifas ou preços associados, seus valores e as regras e critérios de aplicação Usuário: pessoa que utiliza o serviço telefônico fixo comutado independentemente de assinatura ou inscrição junto à prestadora do serviço Entroncamento: interligação, entre centrais telefônicas, por intermédio de cabo metálico, fibra ótica ou radiofrequência Ligações Fixo-Fixo: ligação de um telefone fixo para outro fixo Ligações Fixo-Móvel: ligação de um telefone fixo para um móvel Linha Direta: par metálico que interliga a Contratante diretamente à Central Telefônica da Prestadora do STFC Local PABX Virtual: prestação de STFC Local com por meio de uma linha direta com facilidades de uma Central Telefônica Privada (PABX) Linha Telefônica: prestação de STFC Local por meio de uma linha direta ou de um PABX virtual ou de um PABX da Contratada e instalado no local de prestação do serviço, ou ainda PABX da Contratante Código de Seleção de Prestadora (CSP): conjunto de caracteres numéricos que permite ao usuário escolher a Prestadora do STFC de Longa Distância Nacional ou Longa Distância Internacional. 17

18 Edital de Retificação Consolidado Pregão Eletrônico n. 109/ Portabilidade Numérica: facilidade que possibilita ao cliente de serviços de telefonia fixa e móvel manter o número do telefone (código de acesso) a ele designado, independentemente da operadora do serviço a que esteja vinculado Plano Básico de Serviços: plano de serviço de oferta obrigatória e não discriminatória a todos os usuários dos serviços de telefonia, registrado na ANATEL. 5. DO DETALHAMENTO DAS ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS 5.1. ITEM 1 Serviço Telefônico Fixo Comutado (STFC) Local e Serviço de Conexão à Internet (SCI) (Consumo estimado por mês) Serviço de Conexão à Internet (SCI) de Alta Velocidade e Serviço Telefônico Fixo Comutado (STFC) Local em linhas telefônicas da Câmara dos Deputados, a partir do setor que compreende o Distrito Federal para telefone fixo ou telefone móvel do Serviço Móvel Pessoal (SMP), bem como ligações a cobrar e serviços de valor agregado cobrados na conta telefônica, conforme quantitativo apresentado na Tabela 1: Tabela 1: Quantitativo do SCI de Alta Velocidade e STFC Local Subitem Descrição dos Serviços Quant. Mensal Unidade 1.1 Linhas telefônicas não-residenciais 110 Assinatura 1.2 Ligação Local Fixo-Fixo (orig. ou acb) minutos 1.3 Ligação Local Fixo-Móvel (orig. ou acb) minutos 1.4 Serviço de Conexão à Internet não residencial 45 Vel. De download 5 Mbps Serviços cobráveis uma única vez 1.5 Linhas telefônicas não-residenciais 110 Instalação / habilitação 1.6 Serviço de Conexão à Internet não residencial 45 Instalação / habilitação 5.2. ITEM 2 Serviço Telefônico Fixo Comutado LDN e LDI (Consumo estimado por mês) Serviço Telefônico Fixo Comutado (STFC) de Longa Distância Nacional para telefone fixo ou telefone móvel do Serviço Móvel Pessoal (SMP) da Região I, assim entendidas as ligações originadas no Distrito Federal e destinadas às localidades nos Estados de Alagoas, Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Roraima e Sergipe, bem como as ligações a cobrar recebidas desta Região e serviços de valor agregado cobrados na conta telefônica, conforme quantitativo apresentado na Tabela Serviço Telefônico Fixo Comutado de Longa Distância Nacional para telefone fixo ou telefone móvel do Serviço Móvel Pessoal (SMP) da Região II, assim entendidas as ligações originadas no Distrito Federal e destinadas às localidades nos Estados do Acre, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraná, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina e Tocantins, bem como as ligações a cobrar recebidas desta Região e serviços de valor agregado cobrados na conta telefônica, conforme quantitativo apresentado na Tabela Serviço Telefônico Fixo Comutado de Longa Distância Nacional para telefone fixo ou telefone móvel do Serviço Móvel Pessoal (SMP) da Região III, assim entendidas as ligações originadas no Distrito Federal e destinadas às localidades no 18

19 SECPL CÂMARA DOS DEPUTADOS Estado de São Paulo, bem como as ligações a cobrar recebidas desta Região e serviços de valor agregado cobrados na conta telefônica, conforme quantitativo apresentado na Tabela Serviço Telefônico Fixo Comutado de Longa Distância Internacional para telefone fixo ou telefone móvel do Serviço Móvel Pessoal (SMP), assim entendidas as ligações originadas no Distrito Federal e destinadas ao exterior, bem como as ligações a cobrar recebidas do exterior e serviços de valor agregado cobrados na conta telefônica, conforme quantitativo apresentado na Tabela 2. Subitem Tabela 2: Quantitativo STFC LDN e LDI Descrição dos Serviços Quant. Mensal Unidade 2.1 Região I FIXO-FIXO (orig. ou acb) 300 minutos 2.2 Região I FIXO-MÓVEL (orig. ou acb) 600 minutos 2.2 Região II FIXO-FIXO (orig. ou acb) 100 minutos 2.4 Região II FIXO-MÓVEL (orig. ou acb) 300 minutos 2.3 Região III FIXO-FIXO (orig. ou acb) 200 minutos 2.4 FIXO-MÓVEL VC2 (orig.acb) 300 minutos 2.5 FIXO-MÓVEL VC3 (orig.acb) 700 minutos 2.6 Região III FIXO-MÓVEL (orig. ou acb) 100 minutos 2.6 Argentina, Uruguai, Paraguai e Chile (orig. ou acb) 20 minutos 2.7 Outros países das Américas (orig. ou acb) 10 minutos 2.8 Estados Unidos (orig. ou acb) 30 minutos 2.9 Portugal (orig. ou acb) 20 minutos 2.10 Espanha, França, Itália, Inglaterra, Alemanha, Bélgica, Holanda e Suíça (orig. ou acb) 20 minutos 2.11 Outros Países da Europa (orig. ou acb) 10 minutos 2.12 Israel (orig. ou acb) 10 minutos 2.13 Oriente Médio (orig. ou acb) 10 minutos 2.14 Japão (orig. ou acb) 10 minutos 2.15 Outros países da Ásia (orig. ou acb) 10 minutos 2.16 Austrália (orig. ou acb) 10 minutos 2.17 Outros países da Oceania (orig. ou acb) 10 minutos 2.18 Países da África (orig. ou acb) 10 minutos 5.3. O perfil de tráfego indicado neste Título corresponde à média mensal estimada de ligações e serve tão somente de subsídio às licitantes na formulação de suas propostas, não se constituindo em compromisso da Câmara dos Deputados em estabelecê-lo como meta de tráfego futuro. 19

20 Edital de Retificação Consolidado Pregão Eletrônico n. 109/ O tráfego será distribuído entre as linhas contratadas conforme a demanda dos usuários, não sendo admitida cobrança de tráfego mínimo. 6. DOS SERVIÇOS 6.1. O seguinte procedimento deverá ser adotado para a tarifação: a) até 3 segundos de chamada: não há tarifação; b) mais de 3 segundos até 30 segundos de chamada: Tempo de Tarifação Mínima (TTM) equivalente a 30 segundos; c) mais de 30 segundos de chamada: frações adicionais de 6 segundos (1/10 de minuto) após o TTM; d) tarifa de completamento: não há; e) chamadas recebidas a cobrar de telefones fixos: são faturadas quando, após a mensagem que traduz a autorização para o seu completamento, tenham duração igual ou superior a 06 (seis) segundos PARA O ITEM 1 DO OBJETO (STFC Local): O STFC Local será prestado por meio de linhas telefônicas instaladas no Distrito Federal, em locais designados pelo Órgão Responsável, nos seguintes endereços: a) SQN 202, Blocos: I, J, K, L ; b) SQN 302, Blocos: A, B, C, D, E, F, G, H, I ; c) SQS 311, Blocos: A, B, I ; d) SQS 111, Blocos: I, G. e) SIA, Trecho 5; f) SCS, Quadra 2, Bloco B; g) SHIS QL 12, CJ 11; h) Aeroporto Internacional de Brasília; i) Rod. DF 001, km 01, Centro de Transmissão de TV; j) Câmara dos Deputados e Anexos, Esplanada Havendo disponibilidade de infraestrutura de rede da Contratada, o Órgão Responsável poderá solicitar a instalação de linhas telefônicas em locais diversos daqueles definidos no subitem deste Título A indisponibilidade de infraestrutura de rede deverá ser comunicada por escrito pela Contratada ao Órgão Responsável O serviço poderá ser prestado por intermédio de linhas diretas, de PABX Virtual, de PABX privado da Contratada instalado nos locais de prestação dos serviços ou por outra solução tecnológica que garanta a qualidade do serviço, conforme as disposições da ANATEL, as cláusulas deste edital e seus anexos. 20

21 SECPL CÂMARA DOS DEPUTADOS Qualquer instalação de equipamentos que necessite ser feita no local de prestação dos serviços, inclusive a consequente obra de infraestrutura, ocorrerá às expensas da Contratada As primeiras instalações de linhas telefônicas, nos quantitativos e locais definidos pelo Órgão Responsável, e o início da prestação dos serviços ocorrerão no prazo máximo de 30 (trinta) dias, a contar da assinatura do contrato As demais instalações, durante a vigência do contrato, deverão ocorrer nos prazos máximos de 5 (cinco) dias úteis, contados da data da ciência da solicitação do Órgão Responsável A Contratada poderá cobrar uma única vez a instalação de cada linha telefônica para prestação dos serviços, de acordo com sua proposta, e somente na primeira fatura apresentada após a instalação Cancelamentos e reinstalações de linhas ao longo do contrato serão considerados como remanejamento de rede e terão custo zero para a Câmara dos Deputados O Órgão Responsável poderá solicitar o cancelamento de linha telefônica que não estiver em uso Não será cobrada assinatura e/ou valor mensal da linha que não for instalada ou cujo cancelamento seja solicitado A cobrança de assinatura e/ou valor mensal da linha, no caso de instalação ou cancelamento de linha, será proporcional ao período em que esta permaneceu ativa A pedido do Órgão Responsável, deverá ser efetuado o bloqueio de serviços de terceiros ou cobrança destes em conta telefônica da Câmara dos Deputados Quando solicitados pelo Órgão Responsável, os seguintes serviços deverão ser disponibilizados: a) bloqueio das seguintes categorias de chamadas: DDD, DDI, celular, e chamadas a cobrar; b) siga-me; c) teleconferência; d) chamada em espera; e) identificador de chamadas; f) captura e transferência de chamadas; g) desbloqueio, transferência e alteração de número; h) reparo de telefone e internet O bloqueio e o desbloqueio de linhas e serviços configuráveis, assim como a mudança de números telefônicos e a transferência do número telefônico ou de serviços de conexão à internet para novo endereço deverão ser implementados no prazo máximo de 3 (três) dias. 21

22 Edital de Retificação Consolidado Pregão Eletrônico n. 109/ Os serviços descritos nesse subitem são prestados sem ônus adicionais para a Contratante Da Portabilidade: A Contratada deverá manter os números telefônicos atualmente em uso pela Câmara dos Deputados PARA O ITEM 1 DO OBJETO (SCI de Alta Velocidade): O SCI de Alta Velocidade será instalado no Distrito Federal, em locais designados pelo Órgão Responsável, nos seguintes endereços: SCI de Alta Velocidade não-residencial: a) SQN 202, Blocos: I, J, K, L ; b) SQN 302, Blocos: A, B, C, D, E, F, G, H, I ; c) SQS 311, Blocos: A, B, I ; d) SQS 111, Blocos: I, G. e) SIA, Trecho 5; f) SCS, Quadra 2, Bloco B; g) SHIS QL 12, CJ 11; h) Aeroporto Internacional de Brasília; i) Rod. DF 001, km 01, Centro de Transmissão de TV; j) Câmara dos Deputados e Anexos, Esplanada A Contratada deverá garantir a disponibilidade técnica para instalação do SCI de Alta Velocidade em pelo menos 90% das linhas instaladas nos endereços definidos no subitem deste Anexo Havendo disponibilidade de infraestrutura de rede da Contratada, o Órgão Responsável poderá solicitar a instalação de SCI de Alta Velocidade em locais diversos daqueles definidos no subitem deste Anexo A indisponibilidade de infraestrutura de rede deverá ser comunicada por escrito pela Contratada ao Órgão Responsável O SCI de Alta Velocidade deverá ser fornecido juntamente com o serviço de provedor e equipamento de comunicação compatível com a tecnologia adotada O equipamento de comunicação (modem) deverá suportar a velocidade contratada e apresentar o recurso de conexão sem fio (wi-fi) O equipamento de comunicação será fornecido pela Contratada Qualquer instalação de equipamentos que necessite ser feita no local de prestação dos serviços, inclusive a consequente obra de infraestrutura, ocorrerá às expensas da Contratada As primeiras instalações dos Serviços de Conexão à Internet, nos quantitativos e locais definidos pelo Órgão Responsável, e o início da prestação dos serviços ocorrerão no prazo máximo de 45 (quarenta e cinco) dias, a contar da assinatura do contrato. 22

23 SECPL CÂMARA DOS DEPUTADOS As demais instalações previstas durante a vigência do contrato deverão ocorrer no prazo máximo de 10 (dez) dias úteis, contados das solicitações do Órgão Responsável A Contratada poderá cobrar uma única vez a instalação de cada SCI de Alta Velocidade, de acordo com sua proposta, e somente na primeira fatura apresentada após a instalação Os cancelamentos e as reinstalações dos SCI de Alta Velocidade ao longo do contrato serão considerados como remanejamento de rede e terão custo zero para a Câmara dos Deputados O Órgão Responsável poderá solicitar o cancelamento do SCI de Alta Velocidade que não estiver em uso Não será cobrada assinatura e/ou valor mensal do SCI de Alta Velocidade que não for instalada ou cujo cancelamento seja solicitado A cobrança de assinatura e/ou valor mensal do SCI de Alta Velocidade, no caso de instalação ou cancelamento do serviço, será proporcional ao período em que esta permaneceu ativa O cancelamento deverá ser efetuado no prazo máximo de 10 (dez) dias, contados da data de recebimento da solicitação do Órgão Responsável pela Contratada O link de acesso à Internet operará com transmissão de dados por protocolo IP Cada conexão deverá possuir, no mínimo, 1 (um) IP válido A conexão à Internet deverá ser permanente, 24 horas por dia, 7 dias por semana A conexão deverá possibilitar: a) acesso a todos os serviços e portas disponíveis por meio da Internet, não sendo permitido qualquer tipo de bloqueio por parte do Provedor do SCI. Não deve haver qualquer restrição relativa ao tipo de protocolo, dado ou informação trafegada; b) acessos simultâneos ilimitados, ou seja, os computadores poderão consultar número ilimitado de páginas ou endereços na Internet ao mesmo tempo; c) plano de serviço ilimitado: custo mensal fixo para o fornecimento total do serviço, independente da quantidade de horas conectadas e do volume de dados transmitidos O SCI de Alta Velocidade não-residencial deverá possuir as seguintes características: a) IP estático; b) velocidade nominal de recepção de dados (download) 5 Mbps; c) velocidade mínima de envio de dados (upload) de 400 kbps; 23

ESCLARECIMENTOS. Em virtude do exposto, segue o Anexo A, com os itens mencionados, que para todos os efeitos ficam incorporados ao edital publicado.

ESCLARECIMENTOS. Em virtude do exposto, segue o Anexo A, com os itens mencionados, que para todos os efeitos ficam incorporados ao edital publicado. ESCLARECIMENTOS Em curso nesta Autarquia a licitação nº 0453/13, Processo nº 0363/13, que almeja a contratação de pessoa jurídica para prestação de serviços de medicina e segurança do trabalho. Foi recebido

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 198/2015 Processo n. 134.686/2015

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 198/2015 Processo n. 134.686/2015 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS N. 198/15 Objeto: Prestação de serviços, mediante Sistema de Registro de Preços, de interpretação simultânea e/ou consecutiva nos idiomas inglês, espanhol,

Leia mais

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 167/13

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 167/13 SECPL FL. Rub. EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 167/13 Objeto: Prestação de serviços de atualização do software Citrix XenApp Enterprise Edition, com 150 acessos concorrentes e suporte técnico sob demanda,

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 233/13 Objeto: Aquisição e instalação de arquivos deslizantes, com garantia de funcionamento pelo período de 54 (cinquenta e quatro) meses. Valor Total Estimado: R$ 853.106,41

Leia mais

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 61/14

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 61/14 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 61/14 Objeto: Fornecimento de ensaios imunológicos para rápida determinação quantitativa de marcadores cardíacos, pelo período de 12 (doze) meses, com a cessão de equipamento

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 156/2014 Processo n. 115.605/2014 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N.

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 156/2014 Processo n. 115.605/2014 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 156/14 Objeto: Prestação de serviços continuados na área de copa em prédios administrativos da Câmara dos Deputados, e na área de copa, cozinha e de limpeza e conservação

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS N. 130/15 Objeto: Fornecimento e aplicação de sinteco, com substituição de tacos defeituosos ou soltos, para imóveis funcionais da Câmara dos Deputados,

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO Nº002/2011/CISMEPA REGISTRO DE PREÇOS

PREGÃO ELETRÔNICO Nº002/2011/CISMEPA REGISTRO DE PREÇOS 1 PREGÃO ELETRÔNICO Nº002/2011/CISMEPA REGISTRO DE PREÇOS O CONSORCIO INTERMUNICIPAL DE SAUDE DO MEDIO PARAIBA, mediante o Pregoeiro Flávio Macharet Barbosa, designado pela Portaria nº 004/2011, de junho

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 159/2015 Processo n. 127.144/2015

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 159/2015 Processo n. 127.144/2015 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 159/15 PARTICIPAÇÃO EXCLUSIVA DE MICROEMPRESAS (ME) E EMPRESAS DE PEQUENO PORTE (EPP) Objeto: Aquisição de peças de reposição para digitalizadores de grande formato. Valor

Leia mais

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 108/13

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 108/13 SECPL FL. Rub. EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 108/13 Objeto: Prestação de serviços gerais continuados de limpeza e conservação, pelo período de doze meses, com fornecimento de materiais e equipamentos,

Leia mais

O GOVERNADOR DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, no uso da atribuição que lhe confere o art. 82, incisos V e VII, da Constituição do Estado,

O GOVERNADOR DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, no uso da atribuição que lhe confere o art. 82, incisos V e VII, da Constituição do Estado, DECRETO N 42.434, DE 09 DE SETEMBRO DE 2003, DOERS. Regulamenta, no âmbito do Estado do Rio Grande do Sul, a modalidade de licitação denominada pregão, por meio eletrônico, para a aquisição de bens e serviços

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS PROCESSO SUSEP 15414.003162/2008-71 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 04/2009

MINISTÉRIO DA FAZENDA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS PROCESSO SUSEP 15414.003162/2008-71 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 04/2009 A Superintendência de Seguros Privados - SUSEP realizará, às 15 horas do dia 16 de julho de 2009, licitação na modalidade PREGÃO ELETRÔNICO, tipo MENOR PREÇO, conforme autorização da Senhora Chefe do DEAFI,

Leia mais

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 94/15

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 94/15 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 94/15 Objeto: Prestação de serviços continuados nas áreas de operação e de manutenção preventiva e corretiva dos sistemas de detecção e combate a incêndio da Câmara dos Deputados,

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 028/2009 M I N U T A

CARTA CONVITE Nº 028/2009 M I N U T A IMPORTANTE : PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDÊNCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JARDIM PAULISTA

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 002/2010

CARTA CONVITE Nº 002/2010 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDENCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP:

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 171/2015 Processo n. 128.146/2015

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 171/2015 Processo n. 128.146/2015 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS N. 171/15 PARTICIPAÇÃO EXCLUSIVA DE MICROEMPRESAS (ME) E EMPRESAS DE PEQUENO PORTE (EPP) Objeto: Fornecimento, mediante Sistema de Registro de Preços,

Leia mais

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N 92092-03/2010

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N 92092-03/2010 FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N 92092-03/2010 A Fundação de Apoio à Ciência e Tecnologia - FATEC, por meio de sua pregoeira, Claudia Pippi Lorenzoni torna público

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 40/2012 Processo n. 142.157/2011 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N.

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 40/2012 Processo n. 142.157/2011 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 40/12 Objeto: Fornecimento de álcool gel 70% v/v pelo período de 12 meses. Valor Total Estimado: R$ 10.504,00 (dez mil, quinhentos e quatro reais). Local (sítio da Internet):

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 244/2014 Processo n. 124.708/2013

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 244/2014 Processo n. 124.708/2013 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS N. 244/14 Objeto: Fornecimento, mediante Sistema de Registro de Preços, de licenças perpétuas do software Microsoft SQL Server Enterprise Edition. Valor

Leia mais

CONTAGEM DO PRAZO LEGAL

CONTAGEM DO PRAZO LEGAL Curso de Licitação. Pregão Presencial e Pregão Eletrônico Professor: Antônio Noronha Os 3 Caminhos Possíveis para Aquisição/ Serviços, etc... Licitação; Dispensa de Licitação; Inexigibilidade de Licitação.

Leia mais

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 234/12

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 234/12 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 234/12 Objeto: Prestação de serviços de manutenção, recarga e teste hidrostático em extintores de incêndio, pelo período de 12 (doze) meses. Valor Global Anual Estimado:

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 023/2009

CARTA CONVITE Nº 023/2009 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDENCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP:

Leia mais

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2010. SESSÃO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona 1200 7º andar Horário: 10:30 horas do dia 08 de março de 2.

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2010. SESSÃO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona 1200 7º andar Horário: 10:30 horas do dia 08 de março de 2. IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM 03 (TRÊS) DIAS DE ANTECEDENCIA NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP: 01405-001

Leia mais

INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL

INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO CADASTRAL 1. DA ENTREGA DA DOCUMENTAÇÃO 1.1. Os interessados em se inscrever e/ou renovar o Registro Cadastral junto ao GRB deverão encaminhar a documentação a seguir estabelecida,

Leia mais

NORMA SOBRE REGISTRO DE INTENÇÃO DE DOAÇÃO A INSTITUIÇÃO DE UTILIDADE PÚBLICA, UTILIZANDO SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES

NORMA SOBRE REGISTRO DE INTENÇÃO DE DOAÇÃO A INSTITUIÇÃO DE UTILIDADE PÚBLICA, UTILIZANDO SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES NORMA SOBRE REGISTRO DE INTENÇÃO DE DOAÇÃO A INSTITUIÇÃO DE UTILIDADE PÚBLICA, UTILIZANDO SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES 1 - DO OBJETIVO 1.1. Esta Norma tem por objetivo estabelecer condições para prestação

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 11/2015 Processo n. 135.687/2013 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N.

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 11/2015 Processo n. 135.687/2013 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 11/15 PARTICIPAÇÃO EXCLUSIVA DE MICROEMPRESAS (ME) E EMPRESAS DE PEQUENO PORTE (EPP) Objeto: Aquisição de porta acústica e tecido para painel acústico. Valor Total Estimado:

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE S N. 169/15 PARTICIPAÇÃO EXCLUSIVA DE MICROEMPRESAS (ME) E EMPRESAS DE PEQUENO PORTE (EPP) Objeto: Fornecimento, mediante Sistema de Registro de Preços, de

Leia mais

DECRETO N 001 A / 2015 De 02 de janeiro de 2015.

DECRETO N 001 A / 2015 De 02 de janeiro de 2015. DECRETO N 001 A / 2015 De 02 de janeiro de 2015. EMENTA: Regulamenta o Sistema de Registro de Preços SRP previsto no art. 15 da Lei nº 8.666/93, no âmbito do Município de Central Bahia. O PREFEITO DO MUNICÍPIO

Leia mais

1.1 O recebimento dos envelopes dar-se-á até às 14:00h do dia 09 de março de 2010, pela Comissão Permanente de Licitação, no endereço acima citado.

1.1 O recebimento dos envelopes dar-se-á até às 14:00h do dia 09 de março de 2010, pela Comissão Permanente de Licitação, no endereço acima citado. EDITAL DE CARTA CONVITE N 02/2010 CRM-PR OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSESSORIA PARA O DESENVOLVIMENTO E SUPERVISÃO DE PROJETO DE TELEMEDICINA, VIDEOCONFERÊNCIA E EDUCAÇÃO CONTINUADA PARA

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 44/2016 Processo n. 122.324/2015

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 44/2016 Processo n. 122.324/2015 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS N. 44/16 Objeto: Fornecimento, retirada e instalação, mediante Sistema de Registro de Preços, de piso laminado de alta resistência e acessórios de acabamento.

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 005/2008 M I N U T A

CARTA CONVITE Nº 005/2008 M I N U T A IMPORTANTE : PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDÊNCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP:

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 07/2011 A JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 10/2016 Processo n. 129.201/2015

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 10/2016 Processo n. 129.201/2015 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS N. 10/16 Objeto: Prestação de serviços, mediante Sistema de Registro de Preços, de impressão de imagens e textos em diversos tipos de materiais, por

Leia mais

Comunicado Cetip n 007/2015 16 de janeiro de 2015

Comunicado Cetip n 007/2015 16 de janeiro de 2015 Comunicado Cetip n 007/2015 16 de janeiro de 2015 Assunto: Leilão de Alienação de Direitos Sobre Créditos Acumulados de ICMS Módulo de Negociação por Leilão Cetip Net Plataforma Eletrônica. O diretor-presidente

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO N.º 005/2014 CARTA CONVITE Nº 002/2014

EDITAL DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO N.º 005/2014 CARTA CONVITE Nº 002/2014 EDITAL DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO N.º 005/2014 CARTA CONVITE Nº 002/2014 O CONSELHO REGIONAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA DA 7ª REGIÃO CREF7/DF, Autarquia Federal, criada pela Lei nº 9.696/98, torna público

Leia mais

PROCESSO SELETIVO Nº 004/2012

PROCESSO SELETIVO Nº 004/2012 PROCESSO SELETIVO Nº 004/2012 O Instituto de Gestão e Humanização IGH, torna público para conhecimento dos interessados, que fará realizar Processo Seletivo objetivando a contratação de serviços de Coleta,

Leia mais

INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF

INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF Ref: Aviso de Edital ADG nº 003/2014 publicado em 28/10/2014. 1 1. OBJETO A

Leia mais

AcroPDF - A Quality PDF Writer and PDF Converter to create PDF files. To remove the line, buy a license.

AcroPDF - A Quality PDF Writer and PDF Converter to create PDF files. To remove the line, buy a license. DECRETO Nº 5.450, DE 31 DE MAIO DE 2005 Regulamenta o pregão, na forma eletrônica, para aquisição de bens e serviços comuns, e dá outras providências. O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso da atribuição que

Leia mais

REGULAMENTO PROMOÇÃO: Conecta + (Nova Regra)

REGULAMENTO PROMOÇÃO: Conecta + (Nova Regra) Pelo presente instrumento particular a Porto Seguro Telecomunicações S.A., devidamente autorizada pela Agência Nacional de Telecomunicações para prestar o Serviço Móvel Pessoal "SMP", por meio de Rede

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 38/2011 Processo 7.497/08/2011-EOF A JUSTIÇA

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 62/2015 Processo n. 125.110/2014

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 62/2015 Processo n. 125.110/2014 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS N. 62/15 Objeto: Fornecimento, mediante Sistema de Registro de Preços, de armários de aço, tipo guarda-roupa. Valor Total Estimado: R$ 241.333,00 (duzentos

Leia mais

EDITAL PREGÃO PRESENCIAL Nº. 05/2012 PROCESSO Nº. 0116/2012

EDITAL PREGÃO PRESENCIAL Nº. 05/2012 PROCESSO Nº. 0116/2012 EDITAL PREGÃO PRESENCIAL Nº. 05/2012 PROCESSO Nº. 0116/2012 1. INTRODUÇÃO: 1.1 O CONSELHO REGIONAL DE ODONTOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL, por intermédio da Pregoeira Angela Ferraz Jaeger, torna público,

Leia mais

Processo nº 50608.000045/2014-27

Processo nº 50608.000045/2014-27 Processo nº 50608.000045/2014-27 EXAME DA DOCUMENTAÇÃO DE HABILITAÇÃO JURÍDICA, FISCAL, ECONÔMICO FINANCEIRA EDITAL Nº 0438/2014-08. Objeto: Seleção de empresa especializada para Execução de serviços técnicos

Leia mais

DECRETO Nº. 6.204, DE 5 DE SETEMBRO DE 2007 DOU 06.09.2007

DECRETO Nº. 6.204, DE 5 DE SETEMBRO DE 2007 DOU 06.09.2007 DECRETO Nº. 6.204, DE 5 DE SETEMBRO DE 2007 DOU 06.09.2007 Regulamenta o tratamento favorecido, diferenciado e simplificado para as microempresas e empresas de pequeno porte nas contratações públicas de

Leia mais

INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 CONSULTORIA EM SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO EMPRESARIAL

INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 CONSULTORIA EM SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO EMPRESARIAL INTENÇÃO DE CONTRATAÇÃO ISGH / 2014 CONSULTORIA EM SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO EMPRESARIAL O INSTITUTO DE SAÚDE E GESTÃO HOSPITALAR - ISGH, pessoa jurídica de direito privado, associação sem fins lucrativos

Leia mais

MUNICÍPIO DE SENGÉS CNPJ/MF 76.911.676/0001-07 TRAVESSA SENADOR SOUZA NAVES N. 95 SENGÉS PARANÁ

MUNICÍPIO DE SENGÉS CNPJ/MF 76.911.676/0001-07 TRAVESSA SENADOR SOUZA NAVES N. 95 SENGÉS PARANÁ DECRETO Nº 600/2014 Súmula:- Regulamenta a aquisição de Bens Permanentes, de Consumo e Serviços destinados a Administração Direta, Indireta e Fundacional do Município de Sengés, através de Pregão, tendo

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 08/2011 Processo 7.228/03/2011-EOF A JUSTIÇA

Leia mais

PEDIDO DE ESCLARECIMENTO Nº 01 PE Nº 03/2013

PEDIDO DE ESCLARECIMENTO Nº 01 PE Nº 03/2013 PEDIDO DE ESCLARECIMENTO Nº 01 PE Nº 03/2013 Considerando o posicionamento enviado pela área técnica desta CGU-PR, segue abaixo a resposta ao Pedido Esclarecimento nº 01 PE nº 03/2013: QUESTIONAMENTO 01:

Leia mais

REGULAMENTO PROMOÇÃO: Conecta + 1, + 2, + 5 ou + 10

REGULAMENTO PROMOÇÃO: Conecta + 1, + 2, + 5 ou + 10 Pelo presente instrumento particular a Porto Seguro Telecomunicações S.A., devidamente autorizada pela Agência Nacional de Telecomunicações para prestar o Serviço Móvel Pessoal "SMP", por meio de Rede

Leia mais

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRÁS

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRÁS TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRÁS PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 008/2009 EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº 02/2009 1.1 MODALIDADE: PREGÃO PRESENCIAL 1.1.1.1 TIPO DE LICITAÇÃO: MAIOR DESCONTO OFERTADO

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO N 12/2007 Sistema de Registro de Preços

PREGÃO ELETRÔNICO N 12/2007 Sistema de Registro de Preços PREGÃO ELETRÔNICO N 12/2007 Sistema de Registro de Preços EDITAL A Justiça Federal de Primeiro Grau em Minas Gerais, por intermédio da Pregoeira designada pela Portaria 10-124-DIREF de 29/06/2006, realizará

Leia mais

Regulamenta o Sistema de Registro de Preços previsto no art. 15 da Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993.

Regulamenta o Sistema de Registro de Preços previsto no art. 15 da Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993. DECRETO N.º 7.892, DE 23 DE JANEIRO DE 2013. Regulamenta o Sistema de Registro de Preços previsto no art. 15 da Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993. A PRESIDENTA DA REPÚBLICA, no uso da atribuição que

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE IPIRANGA DO SUL Estado do Rio Grande do Sul Rua do Comércio, 124 IPIRANGA DO SUL RS EDITAL DE LICITAÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE IPIRANGA DO SUL Estado do Rio Grande do Sul Rua do Comércio, 124 IPIRANGA DO SUL RS EDITAL DE LICITAÇÃO EDITAL DE LICITAÇÃO Modalidade...: Tomada de Preços Número...: 008/2014 Número da Modalidade: 003/2014 Data de Abertura da Licitação...: 20/02/2014 Data de Abertura das Propostas..: 14/03/2014 Horário...:

Leia mais

REPUBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTERIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES PREGÃO ELETRÔNICO EDITAL Nº 398/2006

REPUBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTERIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES PREGÃO ELETRÔNICO EDITAL Nº 398/2006 REPUBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTERIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES PREGÃO ELETRÔNICO EDITAL Nº 398/2006 PROCESSO : 50600.000884/2006-13 Tipo de Licitação:

Leia mais

Contrato de Apoio Técnico - Operacional

Contrato de Apoio Técnico - Operacional Este Contrato estabelece os termos e condições para disponibilização do sistema informatizado PREGÃO.NET, pela Oriens Tecnologia Ltda., com sede na Av. do Contorno nº 3505, sala 802, na cidade de Belo

Leia mais

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 31/15

EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 31/15 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 31/15 Objeto: Prestação de serviço de Linha Dedicada Digital SLDD de 128 Kbps para conexão entre a Rádio Câmara e a Empresa Brasil de Comunicação S.A., para transmissão do

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Prefeitura Municipal de Boa Vista do Buricá SECRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2014

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Prefeitura Municipal de Boa Vista do Buricá SECRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2014 ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Prefeitura Municipal de Boa Vista do Buricá SECRETARIA MUNICIPAL DE AGRICULTURA EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2014 O Município de Boa Vista do Buricá, comunica aos interessados

Leia mais

O GOVERNADOR DO ESTADO DO AMAZONAS, no exercício da competência que lhe confere o art. 54, inciso IV, da Constituição Estadual, e

O GOVERNADOR DO ESTADO DO AMAZONAS, no exercício da competência que lhe confere o art. 54, inciso IV, da Constituição Estadual, e DECRETO No. 24.818 de 27 JANEIRO DE 2.005 Regulamenta a realização de pregão por meio da utilização de recursos de tecnologia da informação, denominado pregão eletrônico, para a aquisição de bens e serviços

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE BIOMEDICINA 1ª REGIÃO

CONSELHO REGIONAL DE BIOMEDICINA 1ª REGIÃO 1 CARTA CONVITE n.º 001/2011 São Paulo, 20 de outubro de 2011. O CONSELHO REGIONAL DE BIOMEDICINA - 1ª REGIÃO, nos termos da autorização constante no Processo Administrativo em epígrafe, vem, por intermédio

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 54/2011 Republicação Processo 7.242/03/2011-EOF

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DA EDUCAÇÃO EEEP RITA MATOS LUNA JUCÁS CEARÁ

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DA EDUCAÇÃO EEEP RITA MATOS LUNA JUCÁS CEARÁ Convite N. 004/2015 Natureza da Despesa/ OBJETIVO: Fonte do Recurso Contratação de Serviço de INSTALAÇÃO DE SERVIÇO DE LINK DE INTERNET - 5MB Dotação Orçamentária Data da Emissão 22/06/2015 Data da Licitação

Leia mais

Processo 00003/2014 Chamada Pública 0001/2014

Processo 00003/2014 Chamada Pública 0001/2014 Página 1 de 7 EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Boa Vista Energia S/A, leva ao conhecimento dos interessados - com base no Decreto nº 7246/2010 e Portarias MME nº 396 de 05/11/2013 e nº 06 de 06/01/2014, que esta

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA TERRA DE LUTA E FÉ - DOE ORGÃOS, DOE SANGUE:SALVE VIDAS

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA TERRA DE LUTA E FÉ - DOE ORGÃOS, DOE SANGUE:SALVE VIDAS EDITAL DE CARTA CONVITE 027/2015 A PREFEITA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA, torna público, para conhecimento dos interessados, que no dia 20 DE NOVEMBRO DE 2015, às 10 horas, reunirse-á a Comissão Permanente

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 49/2015 Processo n. 122.071/2014 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N.

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 49/2015 Processo n. 122.071/2014 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 49/15 Objeto: Prestação de serviços continuados na área de limpeza e conservação e na área de portaria, zeladoria e garagem de blocos funcionais da Câmara dos Deputados.

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 51/2011 Processo nº. 6.554/10/2011-ADM A JUSTIÇA

Leia mais

CONVITE N.º 004-001/2013-CV

CONVITE N.º 004-001/2013-CV 1 CONVITE N.º 004-001/2013-CV REFERÊNCIA: Contratação de organização, associação ou empresa que preste serviço de hospedagem com local para realização de evento, destinado aos contratados e convidados

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 161/2014 Processo n. 100.826/2014 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N.

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 161/2014 Processo n. 100.826/2014 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 161/14 Objeto: Prestação de serviço de investigação geotécnica por meio de sondagem de simples reconhecimento de solo SPT, com mobilização e desmobilização de equipamentos,

Leia mais

Processo nº 50608.002622/2012-53

Processo nº 50608.002622/2012-53 Processo nº 50608.002622/2012-53 EXAME DA HABILITAÇÃO JURÍDICA, FISCAL E ECONÔMICO-FINANCEIRA EDITAL Nº 0336/2014-08. Objeto: Elaboração de Projeto Executivo Detalhado para a Reforma e Ampliação da Unidade

Leia mais

ANEXO I - Planilha para formação de preços ITEM 01 Serviço Telefônico Fixo Comutado STFC na modalidade Local (PABX ANEEL) Com Im

ANEXO I - Planilha para formação de preços ITEM 01 Serviço Telefônico Fixo Comutado STFC na modalidade Local (PABX ANEEL) Com Im ANEXO I Planilha para formação de preços ITEM 01 Serviço Telefônico Fixo Comutado STFC na modalidade Local (PABX ANEEL) Com Im ITEM FIXO (A) Descrição Cobrado uma única vez QTD Preço Unitário Instalação

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 193/2015 Processo n. 127.189/2014 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N.

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 193/2015 Processo n. 127.189/2014 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N. 193/15 Objeto: Prestação de serviços continuados na área de manutenção de instalações elétricas e hidrossanitárias, pelo período de doze meses. Valor Global Anual Estimado:

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 21/2012 Processo nº. 7.675/11/2011-EOF A JUSTIÇA

Leia mais

A oferta será realizada pela VIVO nas seguintes condições:

A oferta será realizada pela VIVO nas seguintes condições: REGULAMENTO Duo Negócios A oferta será realizada pela VIVO nas seguintes condições: 1. Das Definições Para esta, aplicam-se as seguintes definições: 1.1. : Oferta especial para a aquisição dos produtos

Leia mais

ESTADO DO ACRE DECRETO Nº 5.966 DE 30 DE DEZEMBRO DE 2010

ESTADO DO ACRE DECRETO Nº 5.966 DE 30 DE DEZEMBRO DE 2010 Regulamenta o tratamento favorecido, diferenciado e simplificado para as microempresas, empresas de pequeno porte e equiparadas nas contratações de bens, prestação de serviços e execução de obras, no âmbito

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 51/2012 Processo 8.255/10/2012-EOF A JUSTIÇA

Leia mais

Município de Xangri-Lá Fone: (51) 3689-2400 www.xangrila.rs.gov.br

Município de Xangri-Lá Fone: (51) 3689-2400 www.xangrila.rs.gov.br EDITAL Nº 62/2012 PREGÃO ELETRÔNICO 34/2012 PROCESSO DE DESPESA: 2318/2012 (SEC. DE EDUCAÇÃO) PROCESSO DE LICITAÇÃO 2318/2012 PROCESSO DE COMPRA 45-12 ABERTURA: 29/03/2012 HORÁRIO: 15 horas O Prefeito

Leia mais

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 83/2015 Processo n. 110.216/2015

CÂMARA DOS DEPUTADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO Pregão Eletrônico n. 83/2015 Processo n. 110.216/2015 EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO PARA REGISTRO DE PREÇOS N. 83/15 PARTICIPAÇÃO EXCLUSIVA DE MICROEMPRESAS (ME) E EMPRESAS DE PEQUENO PORTE (EPP) Objeto: Prestação de serviços, mediante Sistema de Registro de

Leia mais

CONVITE N.º 003-001/2013-CV

CONVITE N.º 003-001/2013-CV 1 CONVITE N.º 003-001/2013-CV REFERÊNCIA: Contratação de organização, associação ou empresa que preste serviço de fornecimento de alimentação no município de Santarém/Pará. A TERRA DE DIREITOS, entidade

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS EDITAL Nº 008/2015

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS EDITAL Nº 008/2015 COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS EDITAL Nº 008/2015 CONVÊNIO Nº: 812779/2014 SDH/PR PROCESSO LICITATÓRIO Nº: 012/2015 TIPO: Cotação prévia de preços / Menor preço OBJETO: Contratação de Seguro contra Acidentes

Leia mais

Empresa: Endereço: CNPJ: Telefone: Fax: e-mail:

Empresa: Endereço: CNPJ: Telefone: Fax: e-mail: MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO SUBSECRETARIA DE PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO-GERAL DE AQUISIÇÕES Empresa: Endereço: CNPJ: Telefone: Fax: e-mail: TERMO DE RETIRADA

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO PEDRO DAS MISSÕES

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO PEDRO DAS MISSÕES PROCESSO LICITATÓRIO Nº 003/2016 TOMADA DE PREÇO Nº 003/2016 Aldoir Godois Vezaro, Prefeito Municipal de São Pedro das Missões RS, no uso de suas atribuições legais e de conformidade com a Lei nº 8.666,

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 003/2014 TIPO: MENOR PREÇO

CARTA CONVITE Nº 003/2014 TIPO: MENOR PREÇO CARTA CONVITE Nº 003/2014 TIPO: MENOR PREÇO PROCESSO Nº 003/2014 Tipo de Licitação: MENOR PREÇO DATA: 22/08/2014 HORÁRIO: 10h00min LOCAL: Universidade de Brasília Campus Universitário Darcy Ribeiro Edifício

Leia mais

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DO ESTADO DE SANTA CATARINA

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DO ESTADO DE SANTA CATARINA CARTA CONVITE N 005/2015 SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL - ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DE SANTA CATARINA - SENAR-AR/SC Edital de Convite nº. 005/2015 1 - Preâmbulo 1.1 - O Serviço Nacional de Aprendizagem

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 53/2012 REPUBLICAÇÃO Processo nº. 6.648/10/2012-ADM

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COPASA MG CNPJ/MF 17.281.106/0001 03 Rua Mar de Espanha, 453 / Sto. Antônio Belo Horizonte (MG)

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COPASA MG CNPJ/MF 17.281.106/0001 03 Rua Mar de Espanha, 453 / Sto. Antônio Belo Horizonte (MG) COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COPASA MG CNPJ/MF 17.281.106/0001 03 Rua Mar de Espanha, 453 / Sto. Antônio Belo Horizonte (MG) NORMAS DE CREDENCIAMENTO PARA INSTITUIÇÕES BANCÁRIAS 1. DA FINALIDADE

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 013/2007 PROCESSO N.º 1.612/2007

CARTA CONVITE Nº 013/2007 PROCESSO N.º 1.612/2007 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP: 01405-001 - DEPTO DE COMPRAS - 8º ANDAR. Regime

Leia mais

MODELO DE EDITAL PARA CAFÉ SUPERIOR. Logo e razão social do órgão público

MODELO DE EDITAL PARA CAFÉ SUPERIOR. Logo e razão social do órgão público MODELO DE EDITAL PARA CAFÉ SUPERIOR Logo e razão social do órgão público PREGÃO ELETRÔNICO N XXX EDITAL A , por intermédio da Pregoeira designada pela Portaria xxx de data, realizará

Leia mais

COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO DE MINAS GERAIS CODEMIG CONCURSO Nº 03/2015 - PROCESSO INTERNO Nº 385/15

COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO DE MINAS GERAIS CODEMIG CONCURSO Nº 03/2015 - PROCESSO INTERNO Nº 385/15 COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO DE MINAS GERAIS CODEMIG CONCURSO Nº 03/2015 - PROCESSO INTERNO Nº 385/15 EDITAL DE SELEÇÃO DE PROJETOS DE FORTALECIMENTO E FOMENTO DOS FESTIVAIS GASTRONÔMICOS NO

Leia mais

PREGÃO Processo nº 000217-04.91/15-0

PREGÃO Processo nº 000217-04.91/15-0 PREGÃO PE - 31/2015 - SULGÁS A Companhia de Gás do Estado do Rio Grande do Sul - SULGÁS torna público, através de seu Pregoeiro designado, que realizará licitação por meio da utilização de recursos de

Leia mais

REGULAMENTO OPERACIONAL DO CERTAME

REGULAMENTO OPERACIONAL DO CERTAME Banco do Brasil - edital nº 2007/21407 (7420) - Registro de Preços - edital 8. REGULAMENTO OPERACIONAL DO CERTAME 8.2 CREDENCIAMENTO NO APLICATIVO LICITAÇÕES 8.2.7 Em se tratando de Microempresa ou Empresa

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 3.931, DE 19 DE SETEMBRO DE 2001. Regulamenta o Sistema de Registro de Preços previsto no art. 15 da Lei nº 8.666, de 21

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE VENDA NOVA DO IMIGRANTE ESTADO DO ESPÍRITO SANTO CONVITE Nº 001/2006 PROCESSO Nº 001/2006

CÂMARA MUNICIPAL DE VENDA NOVA DO IMIGRANTE ESTADO DO ESPÍRITO SANTO CONVITE Nº 001/2006 PROCESSO Nº 001/2006 CÂMARA MUNICIPAL DE VENDA NOVA DO IMIGRANTE ESTADO DO ESPÍRITO SANTO LICITAÇÃO N 001/2006 MODALIDADE: EDITAL DE CONVITE CONVITE Nº 001/2006 PROCESSO Nº 001/2006 Expedição: 01/09/2006 Abertura: dia 20/09/2006

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE NUTRICIONISTAS CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 3ª Região (SP, MS)

CONSELHO FEDERAL DE NUTRICIONISTAS CONSELHO REGIONAL DE NUTRICIONISTAS - 3ª Região (SP, MS) CARTA CONVITE Nº: 008/2013. São Paulo, 04 de junho de 2.013. Processo n.º 042-05/2013 Tipo: MENOR PREÇO Firma: A/C: E-mail: Convidamos a referida empresa a apresentar proposta para atendimento do objeto

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES

PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES PODER JUDICIÁRIO JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU SEÇÃO JUDICIÁRIA DO ESPÍRITO SANTO NÚCLEO DE CONTRATAÇÕES SEÇÃO DE LICITAÇÕES EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 59/2012 Processo nº. 6.652/10/2012-ADM A JUSTIÇA

Leia mais

EDITAL Nº 014/2013 SELEÇÃO DE PESSOA JURÍDICA PARA LOCAÇÃO DE VEÍCULOS.

EDITAL Nº 014/2013 SELEÇÃO DE PESSOA JURÍDICA PARA LOCAÇÃO DE VEÍCULOS. EDITAL Nº 014/2013 SELEÇÃO DE PESSOA JURÍDICA PARA LOCAÇÃO DE VEÍCULOS. O Instituto Agropolos do Ceará, CNPJ 04.867.567/0001-10, torna público e convoca pessoas jurídicas que tenham interesse em prestar

Leia mais

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE HANDEBOL

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE HANDEBOL EDITAL DE LICITAÇÃO nº 002/2012 TOMADA DE PREÇOS PARA PRESTADORES DE SERVIÇOS E PRESTAÇÕES DE CONTAS NA GESTÃO DE PROJETOS A CBHb, de acordo com a Lei 10.264 de 16 de julho de 2001 Lei Agnelo/Piva, regulamentada

Leia mais

Considerando a necessidade de se buscar a redução de custos, em função do aumento da competitividade; e

Considerando a necessidade de se buscar a redução de custos, em função do aumento da competitividade; e Página 1 de 5 PORTARIA Nº 306, DE 13 DE DEZEMBRO DE 2001 MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO GABINETE DO MINISTRO O MINISTRO DE ESTADO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO, no uso das atribuições

Leia mais

PREFEITURA DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL EXTRAORDINÁRIA DOS JOGOS INDÍGENAS EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2015/SEJI

PREFEITURA DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL EXTRAORDINÁRIA DOS JOGOS INDÍGENAS EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2015/SEJI PREFEITURA DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL EXTRAORDINÁRIA DOS JOGOS INDÍGENAS EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2015/SEJI EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO PARA SELEÇÃO DE INTERESSADOS NA OPERAÇÃO E GESTÃO

Leia mais

I - LOCAL DE ENTREGA DOS ENVELOPES:

I - LOCAL DE ENTREGA DOS ENVELOPES: EDITAL de LICITAÇÃO MODALIDADE: CARTA CONVITE N.º 17/2013 Data da abertura dos envelopes: Dia: 25/10/2013 Horário: 13:00 horas Data limite para entrega dos envelopes: Dia: 25/10/2013 Horário: 13:00 horas

Leia mais

ATO CONVOCATÓRIO 21/2013. Processo para Contratação de Empresa Prestadora de Serviço

ATO CONVOCATÓRIO 21/2013. Processo para Contratação de Empresa Prestadora de Serviço ATO CONVOCATÓRIO 21/2013 Processo para Contratação de Empresa Prestadora de Serviço MODALIDADE: CONCORRÊNCIA CRITÉRIO DE JULGAMENTO: MENOR PREÇO E CAPACIDADE TÉCNICA DATA LIMITE PARA ENTREGA DE ORÇAMENTO:

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES PROCESSO Nº. 15414.300110/2008-40 PREGÃO ELETRÔNICO Nº

MINISTÉRIO DA FAZENDA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES PROCESSO Nº. 15414.300110/2008-40 PREGÃO ELETRÔNICO Nº A Superintendência de Seguros Privados SUSEP, no Estado do Rio de Janeiro, mediante Pregoeiro designado pela Portaria SUSEP n 3.053, de 14 de outubro de 2008, torna público que realizará às 14 horas, do

Leia mais