ATA DA REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO ESTADUAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ATA DA REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO ESTADUAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA."

Transcrição

1 ATA DA REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO ESTADUAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA. Aos nove dias do mês de março de dois mil e seis, às nove horas e quarenta minutos, reuniram-se no Auditório da Secretaria de Indústria e Comércio, no Palácio Pedro Ludovico Teixeira os Membros do Conselho Estadual de Ciência e Tecnologia CONCITEG, presidido pelo Secretário Interino de Ciência e Tecnologia, Professor Dr. José Clecildo Barreto Bezerra, os seguintes Conselheiros: Ricardo Caetano Rezende, Universidade Estadual de Goiás; Professor Henrique Carlos Labaig, Universidade Católica de Goiás; Professor Reginaldo Nassar Ferreira, Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência - SBPC; Senhor Luiz Lopes de Lima, Federação dos Trabalhadores da Indústria no Estado de Goiás; Dra. Beatriz Silveira Pinheiro, Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária EMBRAPA; Professor Sérgio Duarte de Castro, Secretaria de Indústria e Comércio; Professor Miguel Ivan de Lacerda, Serviço Brasileiro de Apoio ás Micro e Pequenas Empresas em Goiás-SEBRAE e Professora Ana Christina de Andrade Kratz, Secretária Executiva do CONCITEG e Superintendente de Fomento e Apoio a Pesquisa SECTEC. Participaram, ainda, desta reunião, o Sr. Carlos H. D. Furtado da Secretaria de Estado da Saúde, representando a Dra. Maria Paula Curado; o Senhor Tasso de Sousa Freitas, Universidade Federal de Goiás e o Senhor Jéferson Siqueira Vieira, Secretaria de Estado do Planejamento e Desenvolvimento. Configurado o quorum mínimo, o Senhor Presidente, Professor Dr. José Clecildo Barreto Bezerra deu inicio a reunião cumprimentando a todos, dando boas vindas e agradecendo pela presença. Em seguida, o Senhor Presidente procedeu à leitura da seguinte pauta: 1 - Aprovação da Ata de 10 de setembro de 2005, 2 - Apresentação da lei de criação da FAPEG e Processo de Implantação, 3 - Relatório Físico Financeiro da SECTEC em 2005, 4 - Apresentação de Processos para Apreciação e aprovação do Conselho, 5 - Apreciação do Calendário 2006, 6 - Outros Assuntos. Em seguida, a professora Christina fez a leitura da ata da reunião anterior. Feita as alterações pertinentes, a ata foi aprovada por unanimidade. A seguir, o Presidente destacou a presença do Secretário de Indústria e Comércio, o Senhor Ridoval Darci Chiarelotto, que fez uso da palavra, cumprimentando a todos e justificando que não poderia permanecer na reunião até o final e destacou a representação do Conselheiro Professor Sérgio Duarte junto às reuniões do CONCITEG. Retomando a palavra, o Presidente informou sobre a reunião extraordinária do CONCITEG, realizada em doze de 1

2 dezembro do ano de dois mil e cinco, que teve como objetivo sancionar a Lei de Criação da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás e o lançamento do primeiro mestrado Profissional em Gestão Farmacêutica, a ser ministrado no Instituto de Gestão Farmacêutica, em parceria com a Universidade Católica de Goiás e Universidade Estadual de Goiás. Falou, em seguida, sobre as reuniões da Comissão de criação da FAPEG realizadas com representantes de várias entidades, dentre elas, a EMBRAPA, a CNEN e FURNAS. Pontuou ainda que os grupos CNEN e FURNAS decidissem por um rodízio dentre eles. Informou também que, quanto ao documento enviado ao Senhor Governador, sobre o mandato dos membros do Conselho, foi decidido por 3 e 2 anos. E quanto aos currículos, estes estão sendo avaliados. Ainda segundo o Presidente, o processo de escolha do Conselho foi a mais transparente possível, e que a escolha da diretoria a ser indicada pelo Governador constará do nome de três pessoas, a serem nomeadas em conjunto com o Conselho. Sobre a instalação da FAPEG informou que está sendo viabilizado, junto à Secretaria de Estado da Educação, o respectivo espaço físico. Lembrou ainda, que a SECTEC é referência para outros estados, citando como exemplo o Estado de Tocantins. Na seqüência, a Professora Christina falou sobre a Lei nº , de 3 de janeiro de 2006 que cria a Superintendência de Estudos e Projetos Estratégicos - SUEPE e a nova gerência de Monitoramento de Indicadores de C, T & I, destacou ainda, sobre a criação da Secretaria Executiva do CONCITEG podendo ter assim uma estrutura permanente. Continuando, passou se à leitura dos Processos para apreciação do Conselho, assim definidos: a) Processo , de 13/01/2006, Interessado: IGTF. Projeto Qualidade de Fármacos e Medicamentos financiado pela FINEP no valor de R$ ,00 com previsão de contrapartida do Estado através da SECTEC de R$ ,00. O Projeto propõe a instalação de dois Laboratórios, um de Metrologia e outro de Análise Estrutural de Matérias Primas através da Cristalografia de Raio X. O equipamento objeto da contrapartida do Estado é destinado ao Laboratório de Cristalografia. Aprovado. Os Conselheiros sugeriram, neste caso, que o Estado compre o requerido e disponibilize em comodato para UEG; b) Processo , de 04/07/2005, sobre a viabilização de participação de 04 profissionais, já selecionados pela Universidade de Montreal, em Curso de Mestrado em Gestão e Avaliação Tecnológica em Saúde. Professora Christina destacou a importância deste processo e lembrou que o Fundo não tem recurso próprio para tanto. Após as devidas considerações, foi definido que este processo deve ser encaminhado à AGANP para 2

3 estudar a viabilidade nos termos da Lei n /88; c) Processo , de 31/08/2005, contrapartida do Estado referente ao Projeto Difusão de Tecnologia para a melhoria da competitividade e aumento da produtividade da pecuária leiteira do Arranjo Produtivo da microrregião de São Luis dos Montes Belos-Goiás, no valor de R$ ,00: Aprovado. d) Apoio à XXV reunião de Antropologia, Oficio de 01/07/2005, da Dra. Miriam Pillar Grossin, Presidente da Associação Brasileira de Antropologia, solicitando apoio para a cerimônia de abertura mediante pagamento do Auditório Rio Vermelho e do saguão principal do Centro de Convenções de Goiânia, com autorização do Exmo.Sr. Governador Marconi Perillo para atender no centro Cultural (Memo - SUEX nº 37/2005), encaminhando o Projeto de participação da Secretaria de Ciência e Tecnologia na 25ª RBA, sendo o repasse a SECTEC, no valor de 9.000,00: Aprovado; e) Projeto UNICIÊNCIA que propõe convênio entre a Fundação FTVE e o Instituto de Comunicação, Cidadania e Educação ICONE, para implantar um serviço de comunicação integrada de jornalismo, comunicação e divulgação da ciência produzida em Goiás, no valor de R$ ,00: Aprovado; f) Processo de 06/02/2006, referente à autorização para adquirir equipamentos destinados ao apoio de pesquisas que se realizam no Hospital materno Infantil, no valor de R$ ,00: Aprovado; g) Processo , de 09/03/2005, que solicita apoio para os Colóquios Lingüísticos do Museu Antropológico do setor de Etnolinguística/MA/UFG, no valor de R$ 6.575,00: Aprovado; h) Processo de 11/11/2004, que solicita apoio para a X Reunião da Associação Brasileira de Planetários ABP, no valor de R$ ,00: após respectivas ponderações, foi decidido pelo arquivamento, por intempestivo; i) Proposta de Pesquisa Desenvolvimento em Agricultura Orgânica no Estado de Goiás : decidiu-se por encaminhá-lo à Agência Rural, vez que a pesquisa será coordenada por aquele órgão; j) Processo de nº de , convênio entre o Instituto Eusvaldo Lodi- IEL/GO, por intermédio da Secretaria de Ciência e Tecnologia/FUNDETEC,(conforme ofício nº. 091/06/GABS-SECTE de 09 de fevereiro de 2006 ), objetivando a cooperação técnica para o fortalecimento da Rede Metrologia Goiás, visando apoiar o desenvolvimento da infra-estrutura laboratorial para prestação de serviços de metrologia, divulgar os serviços da rede, editar um veículo de comunicação institucional e atuar como banco de dados sobre metrologia. O Convênio implicará na liberação de recursos do Estado na ordem de R$ ,25 ( trezentos e treze mil, quinhentos e vinte e um reais e vinte e cinco centavos ), à conta do Fundo Estadual de Ciência e 3

4 Tecnologia do Estado de Goiás - FUNDETEC, e como contrapartida do Instituto Euvaldo Lodi de R$ ,00) cinqüenta e dois mil, trezentos e setenta e seis reais), totalizando R$ 365, 897,25 (trezentos e sessenta e cinco mil oitocentos e noventa e sete reais e vinte e cinco centavos): Aprovado. L) Processo nº Interessado/Mantenedora: Secretaria de Ciência e Tecnologia. Assunto: Fundamentação da Chamada Pública MCT/FINEP/Ação Transversal-Projeto Estruturante dos Sistemas Estaduais de C,T&I Estruturação e Ampliação do Sistema de C&T de Goiás. Aprovado. Em seguida o Senhor Presidente relatou sobre os seguintes convênios e parcerias com o CNPq/FINEP: a) Desenvolvimento Científico Regional DCR; b) Programa Primeiros Projetos PPP; c) Programa Nacional de Excelência PRONEX, d) Programa de Apoio á Projetos em Empresas PAPPE e com o Ministério da Saúde, e) Programa Pesquisa para o SUS PPSUS com as contrapartidas financeiras por parte do Estado de Goiás não executadas. Tais processos são oriundos da gestão 2003/2004 da SECTEC, cujas contrapartidas ainda não foram pagas, apesar dos inúmeros esforços, reuniões e ofícios na proposição de um cronograma mensal de desembolso visando à atualização do andamento destes convênios. Relatou ainda duas reuniões realizadas com o Superintendente do Tesouro Estadual, duas com o Superintendente Executivo da SEPLAN e uma com o Secretário Estadual de Planejamento e Desenvolvimento para resolução e repasse dos recursos requeridos. Posto em discussão o tema, o Conselheiro Luis Lopes de Lima reafirmou a importância da quitação dos compromissos do Estado e a relevância do CONCITEG frente ao apoio de resgatar o papel da Ciência e Tecnologia no Governo do Estado, imprimindo força às ações da SECTEC. O Conselheiro Reginaldo Nassar disse que a SBPC assinou manifesto elaborado pelos bolsistas do DCR sobre o não pagamento do Convênio com o CNPq. Reafirmou, ainda, que a entidade que ele representa fará duras interlocuções frente ao governo do Estado quanto à cobrança dos compromissos assumidos. O Presidente esclarece ainda que a SECTEC quitou em 2005 o remanescente a pagar de gestões anteriores no valor de R$ ,00 e que a quitação dos convênios relatados é de extrema importância para o sistema de C&T e de sumária urgência para o funcionamento adequado da Fundação de Amparo á Pesquisa FAPEG; caso contrário, o estado de Goiás estará ausente dos Programas Nacionais de desenvolvimento e pesquisa. Ainda segundo o Senhor Presidente, administrativamente, o repasse dos recursos depende da liberação efetiva do financeiro, cuja responsabilidade é de exclusividade da SEPLAN e SEFAZ. Na seqüência, Professora Christina pontuou que, após a nomeação do (a) novo (a) 4

5 Secretário (a) da SECTEC, é de suma importância reunir-se com o Conselho e a Agência Rural para fortalecimento das ações de C & T. Em seguida, relatou sobre o resultado da seleção dos Projetos do Programa de Bolsa de Iniciação Científica Júnior, dizendo acreditar que o numero de bolsas previstas para o próximo ano será acima de 300 (trezentas). Quanto à proposta de Calendário feita pela Secretaria do CONCITEG para as reuniões do Conselho, esta foi aprovada, sendo observado apenas sobre a data da próxima reunião, ficando definido que esta será realizada no dia 07 de abril do ano de Isto posto, foi assim aprovada. Em seguida, Professora Christina procedeu à leitura da Resolução nº. 02 de 09 de setembro de 2005, que aprova a apoio financeiro ao Projeto Parque Tecnológico Samambaia: Estudo de Viabilidade Técnica e Financeira, selecionado na chamada Pública MCT/CNPq/FINEP/FVA/Ação Transversal Tecnológico Nº 04/2004. Após as ponderações pertinentes, a Resolução foi aprovada, e determinaram que permanecesse a data pré-estabelecida. Retomando a palavra, o Senhor Presidente relatou sobre o Plano de Carreira da SECTEC, lembrando que a mesma ainda não se tem um quadro efetivo de servidores. A Professora Christina informou sobre o relatório Gestão/05, para obtenção do ISSO/2006, e que o relatório está disponível a quem desejar. Destacou também que o Estado de Goiás é o segundo em cadastro de Telecentros e lembrou que temos, hoje, 15 (quinze) Telecentros funcionando. Nada mais havendo a ser discutido e ninguém mais tendo solicitado a palavra, deu-se por encerrados os trabalhos às onze horas e cinqüenta minutos, os quais, eu, Suleni Duarte Miranda, secretaria ad hoc para a reunião, lavrei a presente ata, que se achada conforme, será aprovada e assinada por mim e pelos Conselheiros presentes a reunião. 5

Tema 4. Legislação educacional e gestão acadêmica para a qualidade do Ensino, Pesquisa e Extensão. Maria Zaíra Turchi

Tema 4. Legislação educacional e gestão acadêmica para a qualidade do Ensino, Pesquisa e Extensão. Maria Zaíra Turchi Tema 4 Legislação educacional e gestão acadêmica para a qualidade do Ensino, Pesquisa e Extensão Maria Zaíra Turchi Profª Drª Maria Zaíra Turchi Presidente da FAPEG A FAPEG E O FOMENTO À PESQUISA NO ESTADO

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DA ASSOCIAÇÃO DOS AMIGOS DO HOSPITAL MATERNO INFANTIL PRESIDENTE VARGAS. Capítulo I Da denominação e sede

REGIMENTO INTERNO DA ASSOCIAÇÃO DOS AMIGOS DO HOSPITAL MATERNO INFANTIL PRESIDENTE VARGAS. Capítulo I Da denominação e sede REGIMENTO INTERNO DA ASSOCIAÇÃO DOS AMIGOS DO HOSPITAL MATERNO INFANTIL PRESIDENTE VARGAS Capítulo I Da denominação e sede Art. 1º A Associação dos Amigos do Hospital Materno-Infantil Presidente Vargas,

Leia mais

I SEMANA DE ZOOTECNIA: AS CIÊNCIAS AGRÁRIAS E SUAS INSTITUIÇÕES

I SEMANA DE ZOOTECNIA: AS CIÊNCIAS AGRÁRIAS E SUAS INSTITUIÇÕES I SEMANA DE ZOOTECNIA: AS CIÊNCIAS AGRÁRIAS E SUAS INSTITUIÇÕES A COLABORAÇÃO DA FAPEPI NA PRODUÇÃO CIENTÍFICA DO PIAUÍ Dra. BÁRBARA OLIMPIA RAMOS DE MELO PRESIDENTE DA FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA DO

Leia mais

Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia AGESPI AGESPI 12. AGESPI A Assessoria na Gestão de Projetos e Convênios Institucionais AGESPI trabalha na perspectiva de obter linhas de financiamento através

Leia mais

Fundo Setorial de Petróleo e Gás Natural Comitê Gestor REGIMENTO INTERNO

Fundo Setorial de Petróleo e Gás Natural Comitê Gestor REGIMENTO INTERNO MINISTÉRIO DA CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO Fundo Setorial de Petróleo e Gás Natural Comitê Gestor REGIMENTO INTERNO (aprovado na 49ª Reunião do Comitê realizada em 11 de abril de 2013) CAPÍTULO I Do

Leia mais

JUNTA DE FREGUESIA DE GALVEIAS

JUNTA DE FREGUESIA DE GALVEIAS MINUTA DA ATA NR.8/2014 MINUTA DA ACTA DA REUNIÃO EXTRAORDINÁRIA REALIZADA NO DIA DEZASSETE DE ABRIL DO ANO DE DOIS MIL E QUINZE ---------------------------------------------------------------------- ---------

Leia mais

Ata de Reunião. Ministério Público do Estado de Goiás 8:30 HORAS SALA T-11 - MPGO 22/09/08 REUNIÃO PRESIDIDA POR TIPO DE REUNIÃO

Ata de Reunião. Ministério Público do Estado de Goiás 8:30 HORAS SALA T-11 - MPGO 22/09/08 REUNIÃO PRESIDIDA POR TIPO DE REUNIÃO Ata de Reunião 22/09/08 8:30 HORAS SALA T-11 - MPGO REUNIÃO PRESIDIDA POR TIPO DE REUNIÃO SECRETÁRIO PARTICIPANTES Maurício Alexandre Gebrim 3 a Reunião Ordinária da Comissão de Gestão Ambiental Déborah

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA 2015

CHAMADA PÚBLICA 2015 EDITAL N º 13 /PRPPGI/2015 CHAMADA PÚBLICA 2015 PROGRAMA DE APOIO AO DESENVOLVIMENTO DE PROJETOS COM FINALIDADE DIDÁTICO- PEDAGÓGICA EM CURSOS REGULARES NO EXECUÇÃO: MAIO A NOVEMBRO DE 2015. A Reitora

Leia mais

ATA DA 48ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL. DA GERÊNCIA EXECUTIVA DO INSS NO DISTRITO FEDERAL.

ATA DA 48ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL. DA GERÊNCIA EXECUTIVA DO INSS NO DISTRITO FEDERAL. ATA DA 48ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO DA GERÊNCIA EXECUTIVA DO INSS NO DISTRITO FEDERAL. Aos vinte e nove dias do mês de janeiro de dois mil e quatorze, as dez horas e trinta minutos deu-se a última chamada

Leia mais

RELATÓRIO MELHORIA DA ESTRUTURA POLICIAL CORPO DE BOMBEIROS

RELATÓRIO MELHORIA DA ESTRUTURA POLICIAL CORPO DE BOMBEIROS RELATÓRIO MELHORIA DA ESTRUTURA POLICIAL CORPO DE BOMBEIROS Na data de 03 de maio de 2011 1 o então Coordenador do Projeto Entorno, Luís Guilherme Martinhão Gimenes, reuniu-se com o Comandante Geral do

Leia mais

RESOLUÇÃO CSA N.º 05, DE 14 DE ABRIL DE 2015

RESOLUÇÃO CSA N.º 05, DE 14 DE ABRIL DE 2015 RESOLUÇÃO CSA N.º 05, DE 14 DE ABRIL DE 2015 Altera o Regimento Interno da Comissão Própria de Avaliação (CPA) das Faculdades Ponta Grossa. A Presidente do Conselho Superior de Administração das Faculdades

Leia mais

Havendo número legal, o senhor Presidente declarou aberta a Sessão. Deu as boas vindas aos presentes, registrou com alegria a presença dos

Havendo número legal, o senhor Presidente declarou aberta a Sessão. Deu as boas vindas aos presentes, registrou com alegria a presença dos 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 ATA DA REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO DA FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO, REALIZADA NO

Leia mais

LOJAS AMERICANAS S.A. Companhia Aberta CNPJ/MF. 33.014.556/0001-96 NIRE 3330002817.0

LOJAS AMERICANAS S.A. Companhia Aberta CNPJ/MF. 33.014.556/0001-96 NIRE 3330002817.0 LOJAS AMERICANAS S.A. Companhia Aberta CNPJ/MF. 33.014.556/0001-96 NIRE 3330002817.0 ATA DA REUNIÃO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO DE LOJAS AMERICANAS S.A. REALIZADA EM 11 DE MARÇO DE 2014, ÀS 10:00 H. I.

Leia mais

Programa Centros Associados para o Fortalecimento da Pós-Graduação Brasil/Argentina - (CAFP/BA) Edital CGCI n. 028 /2007

Programa Centros Associados para o Fortalecimento da Pós-Graduação Brasil/Argentina - (CAFP/BA) Edital CGCI n. 028 /2007 Programa Centros Associados para o Fortalecimento da Pós-Graduação Brasil/Argentina - (CAFP/BA) Edital CGCI n. 028 /2007 1 Do programa e objetivo 1.1 O Programa CAFP/BA (Centros Associados para o Fortalecimento

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE MATO GROSSO. Assunto Ação Responsável Prazo

GOVERNO DO ESTADO DE MATO GROSSO. Assunto Ação Responsável Prazo MISSÃO: Implementar um novo modelo de gestão do Estado de Mato Grosso, comprometido com a inclusão social, o desenvolvimento econômico sustentável e a superação das desigualdades sociais e regionais. GOVERNO

Leia mais

Desenvolvimento da Agricultura Irrigada no Brasil, sob Cenários Sustentáveis (PCT BRA/IICA/08/002)

Desenvolvimento da Agricultura Irrigada no Brasil, sob Cenários Sustentáveis (PCT BRA/IICA/08/002) Desenvolvimento da Agricultura Irrigada no Brasil, sob Cenários Sustentáveis (PCT BRA/IICA/08/002) Data do Início: 01/01/2008 Data do Término: 31/12/2011 Valor: R$ 21.000.000,00 Objetivo: Desenvolvimento

Leia mais

NORMAS PARA PROGRAMAS DE CONCESSÃO DE BOLSAS DE FORMAÇÃO, DE PESQUISA E TECNOLÓGICA - FAPEG-I

NORMAS PARA PROGRAMAS DE CONCESSÃO DE BOLSAS DE FORMAÇÃO, DE PESQUISA E TECNOLÓGICA - FAPEG-I RESOLUÇÃO N. 001/2007 ANEXO NORMAS PARA PROGRAMAS DE CONCESSÃO DE BOLSAS DE FORMAÇÃO, DE PESQUISA E TECNOLÓGICA - FAPEG-I 1. Conceituação As normas relativas à concessão de Bolsas de Formação, de Pesquisa

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE GOIÁS Gabinete Civil da Governadoria

GOVERNO DO ESTADO DE GOIÁS Gabinete Civil da Governadoria DECRETO Nº 5.327, DE 06 DE DEZEMBRO DE 2000. Dispõe sobre o Conselho Estadual de Recursos Hídricos- CERH e dá outras providências. O GOVERNADOR DO ESTADO DE GOIÁS, no uso de suas atribuições constitucionais

Leia mais

Manual do Sistema para abertura de curso de extensão pelos docentes EACH - USP

Manual do Sistema para abertura de curso de extensão pelos docentes EACH - USP Manual do Sistema para abertura de curso de extensão pelos docentes EACH - USP 1.INTRODUÇAO...... 3 2.ONDE CONSEGUIR INFORMAÇÔES?... 4 Normas USP... 4 Site EACH...4 Sistema de atendimento da Comissão de

Leia mais

AGUARDANDO APROVAÇÃO DO COUNI

AGUARDANDO APROVAÇÃO DO COUNI Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Graduação e Educação Profissional REGULAMENTO DO COLEGIADO DE CURSO DE GRADUAÇÃO E EDUCAÇÃO PROFISSIONAL DA UTFPR RESOLUÇÃO

Leia mais

CURSO DE ATUALIZAÇÃO. Gestão das Condições de Trabalho e Saúde dos Trabalhadores da Saúde

CURSO DE ATUALIZAÇÃO. Gestão das Condições de Trabalho e Saúde dos Trabalhadores da Saúde CURSO DE ATUALIZAÇÃO Gestão das Condições de Trabalho e Saúde dos Trabalhadores da Saúde CONSCIENTIZAÇÃO DOS SERVIDORES DA REDE FHEMIG QUANTO À IMPORTÂNCIA DA REALIZAÇÃO DO EAME PERIÓDICO Maria de Lourdes

Leia mais

Programa de Bolsas de Mestrado e Doutorado

Programa de Bolsas de Mestrado e Doutorado Chamada Pública 11/2014 Programa de Bolsas de Mestrado e Doutorado Acordo CAPES/FA A Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Paraná (FA) em parceria com a Coordenação

Leia mais

EDITAL Nº 004/2015. SELEÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA CIENTÍFICA SEM FINANCIAMENTO EXTERNO, DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ PRPPG/DPI Campus ITABIRA

EDITAL Nº 004/2015. SELEÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA CIENTÍFICA SEM FINANCIAMENTO EXTERNO, DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ PRPPG/DPI Campus ITABIRA EDITAL Nº 004/2015 SELEÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA CIENTÍFICA SEM FINANCIAMENTO EXTERNO, DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ PRPPG/DPI Campus ITABIRA 1. OBJETIVO: 1.1 - O presente Edital tem por objetivo

Leia mais

IF SUDESTE MG REITORIA

IF SUDESTE MG REITORIA 1 2 3 4 5 6 7 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 ATA DA REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO SUPERIOR DO INSTITUTO

Leia mais

Conjunto EDITAL N.º 025/2014 PROEPI/IFPR - RETIFICADO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INCENTIVO AO EMPREENDEDORISMO INOVADOR (PIBIN)

Conjunto EDITAL N.º 025/2014 PROEPI/IFPR - RETIFICADO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INCENTIVO AO EMPREENDEDORISMO INOVADOR (PIBIN) EDITAL N.º 025/2014 PROEPI/IFPR - RETIFICADO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INCENTIVO AO EMPREENDEDORISMO INOVADOR (PIBIN) A Pró-Reitoria de Extensão, Pesquisa e Inovação do Instituto Federal do Paraná

Leia mais

A Faculdade de Ciências Farmacêuticas no uso de suas atribuições legais e regimentais;

A Faculdade de Ciências Farmacêuticas no uso de suas atribuições legais e regimentais; MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS FACULDADE DE CIÊNCIAS FARMACÊUTICAS Rua Gabriel Monteiro da Silva, 700. Alfenas MG. CEP 37130-000 Fone (35)3299-1350 A Faculdade de Ciências Farmacêuticas

Leia mais

OBRASCON HUARTE LAIN BRASIL S.A. CNPJ nº 02.919.555/0001-67 NIRE nº 35.300.322.746

OBRASCON HUARTE LAIN BRASIL S.A. CNPJ nº 02.919.555/0001-67 NIRE nº 35.300.322.746 OBRASCON HUARTE LAIN BRASIL S.A. CNPJ nº 02.919.555/0001-67 NIRE nº 35.300.322.746 Companhia Aberta ATA DA REUNIÃO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO REALIZADA EM 13 DE MARÇO DE 2009 1. Data, Hora e Local: Aos

Leia mais

SELEÇÃO PÚBLICA FUNDAÇÃO CERTI 01/2009 SUBVENÇÃO ECONÔMICA À INOVAÇÃO PROGRAMA PRIME - PRIMEIRA EMPRESA INOVADORA

SELEÇÃO PÚBLICA FUNDAÇÃO CERTI 01/2009 SUBVENÇÃO ECONÔMICA À INOVAÇÃO PROGRAMA PRIME - PRIMEIRA EMPRESA INOVADORA SELEÇÃO PÚBLICA FUNDAÇÃO CERTI 01/2009 SUBVENÇÃO ECONÔMICA À INOVAÇÃO PROGRAMA PRIME - PRIMEIRA EMPRESA INOVADORA 1. APRESENTAÇÃO O Programa Prime - Primeira Empresa Inovadora - visa apoiar empresas nascentes

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA MICROEMPRESA E DA EMPRESA DE PEQUENO PORTE

SECRETARIA DE ESTADO DA MICROEMPRESA E DA EMPRESA DE PEQUENO PORTE SECRETARIA DE ESTADO DA MICROEMPRESA E DA EMPRESA DE PEQUENO PORTE Fórum Permanente das Microempresas e Empresas de Pequeno Porte do Distrito Federal s/nº Ata da Reunião de Convocação para a primeira Reunião

Leia mais

REGULAMENTO DO CONSELHO DEPARTAMENTAL

REGULAMENTO DO CONSELHO DEPARTAMENTAL Ministério da Educação Universidade Tecnológica Federal do Paraná Pró-Reitoria de Graduação e Educação Profissional REGULAMENTO DO CONSELHO DEPARTAMENTAL RESOLUÇÃO Nº. 073/12-COGEP de 07/12/12 Curitiba

Leia mais

REGULAMENTO DO COMITÊ DE ÉTICA PARA EXPERIMENTAÇÃO ANIMAL DA FACULDADE CATÓLICA DO TOCANTINS - CEEA/FACTO

REGULAMENTO DO COMITÊ DE ÉTICA PARA EXPERIMENTAÇÃO ANIMAL DA FACULDADE CATÓLICA DO TOCANTINS - CEEA/FACTO REGULAMENTO DO COMITÊ DE ÉTICA PARA EXPERIMENTAÇÃO ANIMAL DA FACULDADE CATÓLICA DO TOCANTINS - CEEA/FACTO A Faculdade Católica do Tocantins, em cumprimento ao disposto na Lei Federal 11794 de 08 de outubro

Leia mais

ATA DA REUNIÃO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO REALIZADA EM 18 DE OUTUBRO DE 2007

ATA DA REUNIÃO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO REALIZADA EM 18 DE OUTUBRO DE 2007 ATA DA REUNIÃO DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO REALIZADA EM 18 DE OUTUBRO DE 2007 1. Data, Hora e Local: Aos 18 dias do mês de outubro de 2007, às 11:00hs, na sede da companhia, situada na Rua Joaquim Floriano,

Leia mais

EDITAL Nº 002 DE 17 DE DEZEMBRO DE 2010 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

EDITAL Nº 002 DE 17 DE DEZEMBRO DE 2010 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLÓGIA DE MINAS GERAIS CAMPUS CONGONHAS DIRETORIA DE PESQUISA, INOVAÇÃO, PÓS-GRADUAÇÃO

Leia mais

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DAS AÇÕES DO PVCC

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DAS AÇÕES DO PVCC ESTADO: GOIÁS COORDENADOR: HENRIQUE RICARDO BATISTA PERÍODO DO RELATÓRIO: Ano de 20 RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DAS AÇÕES DO PVCC ATIVIDADE DATA N o DE HORAS LOCAL (Município) OBJETIVO N o PART RESULTADO/

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 03/2015 ATIVIDADES DE BOLSISTAS DO PROGRAMA DE DOUTORADO SANDUÍCHE NO EXTERIOR CAPES (PDSE)

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 03/2015 ATIVIDADES DE BOLSISTAS DO PROGRAMA DE DOUTORADO SANDUÍCHE NO EXTERIOR CAPES (PDSE) INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 03/2015 ATIVIDADES DE BOLSISTAS DO PROGRAMA DE DOUTORADO SANDUÍCHE NO EXTERIOR CAPES (PDSE) Regulamenta as atividades relativas a bolsistas do Programa de Doutorado Sanduíche no

Leia mais

Ata n. 25 da Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Medeiros Neto BA.

Ata n. 25 da Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Medeiros Neto BA. Ata n. 25 da Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Medeiros Neto BA. Aos quatro (04) dias do Mês de Março (03) do ano de Dois Mil e Treze (2013), às 17:35 horas, com a presença de nove (09) vereadores,

Leia mais

Edital PIICT / CNPq / Fucapi 2015-2016

Edital PIICT / CNPq / Fucapi 2015-2016 Fundação Centro de Análise Pesquisa e Inovação Tecnológica FUCAPI Faculdade Fucapi Instituto de Ensino Superior Fucapi Coordenação de Pesquisa CPESQ Programa Institucional de Iniciação Científica e Tecnológica

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO UNIVERSITÁRIO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO UNIVERSITÁRIO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N 05/2015 Cria a Superintendência de Comunicação Social (SCS) da UFPB, Órgão Auxiliar vinculado à Reitoria da UFPB

Leia mais

Data : 26.11.2013 Horário: 09:30 Local : Sala de reuniões da Gex-Chapecó/SC Rua Condá, 600D Bairro Santa Maria- Chapecó-SC

Data : 26.11.2013 Horário: 09:30 Local : Sala de reuniões da Gex-Chapecó/SC Rua Condá, 600D Bairro Santa Maria- Chapecó-SC INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ATA DA SEXAGÉSIMA OITAVA (69ª) REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DA GERÊNCIA-EXECUTIVA DO INSS EM CHAPECÓ-SC Data : 26.11.2013 Horário: 09:30 Local

Leia mais

LEI Nº 982 DE 16 DE MAIO DE 2013.

LEI Nº 982 DE 16 DE MAIO DE 2013. LEI Nº 982 DE 16 DE MAIO DE 2013. Dispõe sobre a criação, composição, competência e funcionamento do Conselho Municipal de Esporte e Lazer CMEL. O Povo do Município de Turvolândia Estado de Minas Gerais,

Leia mais

REGIMENTO DOS LABORATÓRIOS MULTIUSUÁRIOS DO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO (RESOLUÇÃO CCS 102/2011)

REGIMENTO DOS LABORATÓRIOS MULTIUSUÁRIOS DO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO (RESOLUÇÃO CCS 102/2011) REGIMENTO DOS LABORATÓRIOS MULTIUSUÁRIOS DO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO (RESOLUÇÃO CCS 102/2011) CAPÍTULO I DA CARACTERIZAÇÃO E FINALIDADES Art.1º- Os Laboratórios

Leia mais

----- ACTA DA REUNIÃO ORDINÁRIA DESTA CÂMARA MUNICIPAL DE 28 DE JANEIRO DO ANO DE 2011.---------------------------------------------------------------

----- ACTA DA REUNIÃO ORDINÁRIA DESTA CÂMARA MUNICIPAL DE 28 DE JANEIRO DO ANO DE 2011.--------------------------------------------------------------- ACTA Nº 2/2011 ----- ACTA DA REUNIÃO ORDINÁRIA DESTA CÂMARA MUNICIPAL DE 28 DE JANEIRO DO ANO DE 2011.--------------------------------------------------------------- ----- Aos 28 dias do mês de Janeiro

Leia mais

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE INOVAÇÃO TECNOLOGICA NIT

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE INOVAÇÃO TECNOLOGICA NIT RESOLUÇÃO CONSU Nº. 33/21 DE 3 DE AGOSTO DE 21. A Presidente do Conselho Superior Universitário da Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas, no uso de suas atribuições regimentais, e consequente

Leia mais

EDITAL N.º 003/2014 PROEPI/IFPR PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INCENTIVO AO EMPREENDEDORISMO INOVADOR (PIBIN)

EDITAL N.º 003/2014 PROEPI/IFPR PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INCENTIVO AO EMPREENDEDORISMO INOVADOR (PIBIN) EDITAL N.º 003/2014 PROEPI/IFPR PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INCENTIVO AO EMPREENDEDORISMO INOVADOR (PIBIN) A Pró-Reitoria de Extensão, Pesquisa e Inovação do Instituto Federal do Paraná (IFPR),

Leia mais

INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL

INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ATA DA 16ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DA GERÊNCIA-EXECUTIVA DO INSS EM VARGINHA/MG. Data: 28/02/2007 Horário:14:30hs Local: Gerência Executiva

Leia mais

ATA DE REUNIÃO ORDINÁRIA DA CIPA

ATA DE REUNIÃO ORDINÁRIA DA CIPA Aos vinte e sete dias do mês de dezembro do ano de dois mil e seis, às quatorze horas e treze minutos, na empresa Associação de Ensino Superior de Nova Iguaçu, sediada na Acidentes, registrada na delegacia

Leia mais

TELE NORTE CELULAR PARTICIPAÇÕES S.A. CNPJ: 02.558.154/0001-29 NIRE 3130002551-9 Companhia Aberta

TELE NORTE CELULAR PARTICIPAÇÕES S.A. CNPJ: 02.558.154/0001-29 NIRE 3130002551-9 Companhia Aberta TELE NORTE CELULAR PARTICIPAÇÕES S.A. CNPJ: 02.558.154/0001-29 NIRE 3130002551-9 Companhia Aberta Assembleia Geral Extraordinária Realizada em 9 de março de 2009 1. Data, Hora e Local. Realizada, em primeira

Leia mais

INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL

INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL ATA DA 39ª REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DA GERÊNCIA-EXECUTIVA DO INSS EM JOINVILLE Data: 23/02/2011 Horário: 14h30min Local: Gerencia Executiva

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA EDITAL Nº 01/2012

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA EDITAL Nº 01/2012 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA EDITAL Nº 01/2012 Edital de Seleção de Bolsistas de Extensão para o Projeto de Extensão "Ações de extensão para a inclusão digital da juventude

Leia mais

EDITAL 05/2015 PROPESP/FADESP PROGRAMA DE APOIO À COOPERAÇÃO INTERINSTITUCIONAL PACI SUBPROGRAMA COOPERAÇÃO INTERNACIONAL

EDITAL 05/2015 PROPESP/FADESP PROGRAMA DE APOIO À COOPERAÇÃO INTERINSTITUCIONAL PACI SUBPROGRAMA COOPERAÇÃO INTERNACIONAL EDITAL 05/2015 PROPESP/FADESP PROGRAMA DE APOIO À COOPERAÇÃO INTERINSTITUCIONAL PACI SUBPROGRAMA COOPERAÇÃO INTERNACIONAL A Pró- Reitoria de Pesquisa e Pós- Graduação (PROPESP) e a Fundação de Amparo e

Leia mais

Reabilitação, João Alírio Teixeira da Silva Junior, Superintendente Técnico, Fause Musse, Superintendente de Relações Externas, Dr.

Reabilitação, João Alírio Teixeira da Silva Junior, Superintendente Técnico, Fause Musse, Superintendente de Relações Externas, Dr. ATA DE REUNIÃO ORDINÁRIA DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO DA ASSOCIAÇÃO GOIANA DE INTEGRALIZAÇÃO E REABILITAÇÃO AGIR PARA APRECIAÇÃO E APROVAÇÃO DA PRESTAÇÃO DE CONTAS REFERENTE AO SEGUNDO SEMESTRE DE 2015

Leia mais

REGULAMENTO DA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO DA FACULDADE FRUTAL FAF TÍTULO I DO REGULAMENTO E DO ÓRGÃO

REGULAMENTO DA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO DA FACULDADE FRUTAL FAF TÍTULO I DO REGULAMENTO E DO ÓRGÃO REGULAMENTO DA COMISSÃO PRÓPRIA DE AVALIAÇÃO DA FACULDADE FRUTAL FAF TÍTULO I DO REGULAMENTO E DO ÓRGÃO Art. 1º Este Regulamento Interno disciplina as normas relativas ao funcionamento da Comissão Própria

Leia mais

NATURA COSMÉTICOS S.A.

NATURA COSMÉTICOS S.A. NATURA COSMÉTICOS S.A. CNPJ/MF n.º 71.673.990/0001-77 Companhia Aberta NIRE 35.300.143.183 Capital Subscrito e Integralizado: R$ 233.862.055,13 428.193.460 ações ON Capital Autorizado: até 14.117.070 ações

Leia mais

Governo do Estado do Amazonas Gabinete do Governador

Governo do Estado do Amazonas Gabinete do Governador Governo do Estado do Amazonas Gabinete do Governador DECRETO Nº 33.443, DE 25 DE ABRIL DE 2013. ABRE crédito adicional suplementar que especifica, no Orçamento Fiscal vigente da Administração Direta. O

Leia mais

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS LEI Nº 14.830, de 11 de agosto de 2009 Dispõe sobre a criação do Conselho Estadual do Artesanato e da Economia Solidária - CEAES, e adota outras providências. O GOVERNADOR DO ESTADO DE SANTA CATARINA,

Leia mais

CAPÍTULO I DA IDENTIFICAÇÃO

CAPÍTULO I DA IDENTIFICAÇÃO CAPÍTULO I DA IDENTIFICAÇÃO Art. 1º O Laboratório de Línguas é um órgão complementar de fomento ao ensino, pesquisa, extensão, e prestação de serviços vinculado ao Centro de Letras e Ciências Humanas sob

Leia mais

RESUMO DA CHAMADA MCTI/CNPq/ANA Nº 23/2015 Pesquisa em Mudança do Clima

RESUMO DA CHAMADA MCTI/CNPq/ANA Nº 23/2015 Pesquisa em Mudança do Clima RESUMO DA CHAMADA MCTI/CNPq/ANA Nº 23/2015 Pesquisa em Mudança do Clima Salvador Nov/2015 I - CHAMADA A referida chamada tem por objetivo selecionar propostas para apoio financeiro a projetos de desenvolvimento

Leia mais

REGIMENTO DO FÓRUM ESTADUAL PERMANENTE DE APOIO À FORMAÇÃO DOCENTE GOIÁS (FORPROF-GO)

REGIMENTO DO FÓRUM ESTADUAL PERMANENTE DE APOIO À FORMAÇÃO DOCENTE GOIÁS (FORPROF-GO) REGIMENTO DO FÓRUM ESTADUAL PERMANENTE DE APOIO À FORMAÇÃO DOCENTE GOIÁS (FORPROF-GO) Goiânia-2010 REGIMENTO DO FÓRUM ESTADUAL PERMANENTE DE APOIO À FORMAÇÃO DOCENTE GOIÁS (FORPROF-GO) CAPÍTULO I DOS FUNDAMENTOS

Leia mais

MINERVA S.A. CNPJ nº 67.620.377/0001-14 NIRE 35.300.344.022. Ata de Reunião do Conselho de Administração realizada em 03 de abril de 2012

MINERVA S.A. CNPJ nº 67.620.377/0001-14 NIRE 35.300.344.022. Ata de Reunião do Conselho de Administração realizada em 03 de abril de 2012 MINERVA S.A. CNPJ nº 67.620.377/0001-14 NIRE 35.300.344.022 Ata de Reunião do Conselho de Administração realizada em 03 de abril de 2012 Data, Horário e Local: 03 de abril de 2012, às 9h00, na sede social

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Brasília EDITAL Nº 007/RIFB, DE 28 DE ABRIL DE 2015.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Brasília EDITAL Nº 007/RIFB, DE 28 DE ABRIL DE 2015. EDITAL Nº 007/RIFB, DE 28 DE ABRIL DE 2015. SELEÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS E VOLUNTARIADO EM INICIAÇÃO CIENTÍFICA NAS AÇÕES AFIRMATIVAS (ENSINO

Leia mais

CAPÍTULO I DA NATUREZA E DEFINIÇÃO

CAPÍTULO I DA NATUREZA E DEFINIÇÃO CAPÍTULO I DA NATUREZA E DEFINIÇÃO Art. 1º As atividades de Pesquisa da Universidade de Santo Amaro UNISA buscam fomentar o conhecimento por meio da inovação técnica, científica, humana, social e artística,

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO CÂMARA MUNICIPAL DE NORTELÂNDIA

ESTADO DE MATO GROSSO CÂMARA MUNICIPAL DE NORTELÂNDIA ATA N. 33/2013 Ata da SESSÃO ORDINÁRIA registrada sob o nº 33/2013 da 15ª. Legislatura da Câmara Municipal de Nortelândia-MT. Aos dez (10) dias do mês de dezembro do ano de dois mil e treze (2.013), (segunda-feira)

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 09/2010

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 09/2010 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 09/2010 Aprova o Regimento Interno da Comissão Interna de Supervisão da Carreira dos Cargos

Leia mais

PROGRAMA NACIONAL DE PÓS-DOUTORADO - 2011: CONCESSÃO INSTITUCIONAL ÀS IFES. Diretrizes para Elaboração do Projeto Institucional

PROGRAMA NACIONAL DE PÓS-DOUTORADO - 2011: CONCESSÃO INSTITUCIONAL ÀS IFES. Diretrizes para Elaboração do Projeto Institucional PROGRAMA NACIONAL DE PÓS-DOUTORADO - 2011: CONCESSÃO INSTITUCIONAL ÀS IFES Diretrizes para Elaboração do Projeto Institucional 1 Objetivos O Programa Nacional de Pós-doutorado da CAPES PNPD/2011: Concessão

Leia mais

SÃO PAULO ALPARGATAS S.A. CNPJ.MF. 61.079.117/0001-05 NIRE 35 3000 25 270 Companhia Aberta

SÃO PAULO ALPARGATAS S.A. CNPJ.MF. 61.079.117/0001-05 NIRE 35 3000 25 270 Companhia Aberta SÃO PAULO ALPARGATAS S.A. CNPJ.MF. 61.079.117/0001-05 NIRE 35 3000 25 270 Companhia Aberta Atas das Assembléias Gerais Ordinária e Extraordinária realizadas sucessivamente em 26/03/2004. I LOCAL, DATA

Leia mais

AGENDA. Impacto na Região Linhas Estratégicas

AGENDA. Impacto na Região Linhas Estratégicas AGENDA Como Surgiu Situação Atual Variáveis Importantes Governança Conquistas Impacto na Região Linhas Estratégicas Rodrigo Fernandes Coordenador Executivo da COMTEC Como Surgiu A T.I. surgiu para prover

Leia mais

MINUTA CHAMADA PÚBLICA N 003/2008 Fortalecimento da Ciência: Raça e Etnia

MINUTA CHAMADA PÚBLICA N 003/2008 Fortalecimento da Ciência: Raça e Etnia MINUTA CHAMADA PÚBLICA N 003/2008 Fortalecimento da Ciência: Raça e Etnia TERMOS DA CHAMADA PÚBLICA N 003/2008 A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás FAPEG, em consonância com o Pacto Goiano

Leia mais

CONSELHO CIENTÍFICO-ADMINISTRATIVO DA FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E INOVAÇÃO DO ESPÍRITO SANTO RESOLUÇÃO Nº 113, DE 11 DE SETEMBRO DE 2014

CONSELHO CIENTÍFICO-ADMINISTRATIVO DA FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E INOVAÇÃO DO ESPÍRITO SANTO RESOLUÇÃO Nº 113, DE 11 DE SETEMBRO DE 2014 CONSELHO CIENTÍFICO-ADMINISTRATIVO DA FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E INOVAÇÃO DO ESPÍRITO SANTO RESOLUÇÃO Nº 113, DE 11 DE SETEMBRO DE 2014 Regulamenta a concessão de Auxílio para Apoio a Incubadoras

Leia mais

EDITAL FAPESB/SECTI/SEBRAE/IEL Apoio à Implantação de Cursos de Empreendedorismo 002/2006

EDITAL FAPESB/SECTI/SEBRAE/IEL Apoio à Implantação de Cursos de Empreendedorismo 002/2006 EDITAL FAPESB/SECTI/SEBRAE/IEL Apoio à Implantação de Cursos de Empreendedorismo 002/2006 SELEÇÃO PÚBLICA DE PROPOSTAS PARA O PROGRAMA BAHIA INOVAÇÃO REDE DE EMPREENDEDORISMO A Fundação de Amparo à Pesquisa

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 122, DE 26 DE NOVEMBRO DE 2015

RESOLUÇÃO Nº 122, DE 26 DE NOVEMBRO DE 2015 RESOLUÇÃO Nº 122, DE 26 DE NOVEMBRO DE 2015 O CONSELHO UNIVERSITÁRIO da Universidade Federal do Pampa, em sua 69ª Reunião Ordinária, realizada no dia 26 de novembro de 2015, no uso das atribuições que

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO FACULDADE DE DIREITO Coordenação de Atividades Complementares

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO FACULDADE DE DIREITO Coordenação de Atividades Complementares UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO FACULDADE DE DIREITO Coordenação de Atividades Complementares REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES PARA O CURSO DE GRADUAÇÃO Art.1º Este Regulamento define,

Leia mais

Ata da Reunião nº 4 do Comitê Gestor

Ata da Reunião nº 4 do Comitê Gestor SECRETARIA DE PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO REGIONAL UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FUNDAP SEADE CEPAM CONVÊNIO SPDR USP FUNDAP SEADE CEPAM Ata da Reunião nº 4 do Comitê Gestor Pauta: 2. Andamento do Plano

Leia mais

REGIMENTO INTERNO Aprovado dia 02 de julho de 1982

REGIMENTO INTERNO Aprovado dia 02 de julho de 1982 REGIMENTO INTERNO Aprovado dia 02 de julho de 1982 Artigo 1º. - A FUNDAÇÃO DE ESTUDOS E PESQUISAS EM AGRONOMIA, MEDICINA VETERINÁRIA E ZOOTECNIA - FUNEP, além das disposições constantes de seu Estatuto

Leia mais

Chamada Simplificada PIBTI - DF nº 04/2011

Chamada Simplificada PIBTI - DF nº 04/2011 Chamada Simplificada PIBTI - DF nº 04/2011 Chamada Simplificada PIBTI - DF nº 04/2011 02 Dezembro 2011 O Instituto Euvaldo Lodi IEL/DF e a Fundação de Apoio a Pesquisa FAP/DF, CONVIDAM os interessados

Leia mais

Edital para publicação no site período de 23 a 30 de junho de 2013. PROJETO BRA/04/029 Seleciona CONSULTOR na modalidade PRODUTO* CÓD.

Edital para publicação no site período de 23 a 30 de junho de 2013. PROJETO BRA/04/029 Seleciona CONSULTOR na modalidade PRODUTO* CÓD. Edital para publicação no site período de 23 a 30 de junho de 203. PROJETO BRA/04/029 Seleciona CONSULTOR na modalidade PRODUTO* CÓD. GESTÃO EAD Os currículos deverão ser encaminhados para o endereço eletrônico

Leia mais

Núcleo de Pesquisa e Estudos em Ciências Contábeis ESTATUTO

Núcleo de Pesquisa e Estudos em Ciências Contábeis ESTATUTO Núcleo de Pesquisa e Estudos em Ciências Contábeis ESTATUTO Art. 1º O Núcleo de Pesquisa e Estudos em Ciências Contábeis (NUPECON), vinculado a Escola de Agronomia e Engenharia de Alimentos, constitui-se

Leia mais

MPR MPR/SPI-801-R00 PARCERIAS COM INSTITUIÇÕES DE PESQUISA E DESENVOLVIMENTO

MPR MPR/SPI-801-R00 PARCERIAS COM INSTITUIÇÕES DE PESQUISA E DESENVOLVIMENTO MPR MPR/SPI-801-R00 PARCERIAS COM INSTITUIÇÕES DE PESQUISA E DESENVOLVIMENTO 05/2015 PÁGINA INTENCIONALMENTE EM BRANCO 2 18 de maio de 2015. Aprovado, Tiago Sousa Pereira 3 PÁGINA INTENCIONALMENTE EM BRANCO

Leia mais

RESPONSABILIDADES NO PBA 2012 PREFEITURAS E SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO

RESPONSABILIDADES NO PBA 2012 PREFEITURAS E SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO RESPONSABILIDADES NO PBA 2012 PREFEITURAS E SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO Quando da adesão municipal ao programa suas atribuições são: Indicar e/ou selecionar o coordenador de turmas junto à Seduc;

Leia mais

CONVOCAÇÃO. Estância Turística de Santa Fé do Sul, 19 de Setembro de 2014. Luiz Antonio Peres Trivelato Junior Presidente do Conselho Administrativo

CONVOCAÇÃO. Estância Turística de Santa Fé do Sul, 19 de Setembro de 2014. Luiz Antonio Peres Trivelato Junior Presidente do Conselho Administrativo CONVOCAÇÃO O Presidente do Conselho de Administração do SANTAFÉPREV Instituto Municipal de Previdência de Santa Fé do Sul, com base na Lei Municipal n 3.104 de 14/08/2013, CONVOCA, para o Dia 23/09/2014,

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO MARANHÃO FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO DO MARANHÃO PROGRAMA MARANHÃO MAIS MÚSICA

GOVERNO DO ESTADO DO MARANHÃO FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO DO MARANHÃO PROGRAMA MARANHÃO MAIS MÚSICA GOVERNO DO ESTADO DO MARANHÃO FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO DO MARANHÃO PROGRAMA MARANHÃO MAIS MÚSICA EDITAL FAPEMA Nº 43/2013 MÚSICA PRORROGAÇÃO Atividades Datas Data

Leia mais

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DAS AÇÕES DO PVCC. LOCAL (Município) OBJETIVO N o PART RESULTADO/ OBSERVAÇÃO

RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DAS AÇÕES DO PVCC. LOCAL (Município) OBJETIVO N o PART RESULTADO/ OBSERVAÇÃO RELATÓRIO DE ACOMPANHAMENTO DAS AÇÕES DO PVCC ESTADO: GOIÁS COORDENADOR: HENRIQUE RICARDO BATISTA PERÍODO DO RELATÓRIO: ABRIL A JUNHO/2013 ATIVIDADE DATA N o DE HORAS LOCAL (Município) OBJETIVO N o PART

Leia mais

II. MESA: Presidente: Paulo Roberto Lopes Ricci Secretário: Luiz Cláudio Ligabue

II. MESA: Presidente: Paulo Roberto Lopes Ricci Secretário: Luiz Cláudio Ligabue BB SEGURIDADE PARTICIPAÇÕES S.A. (subsidiária integral do Banco do Brasil S.A.) ATA DA ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA REALIZADA EM 31 DE DEZEMBRO DE 2012 I. DATA, HORA E LOCAL: Em 31 de dezembro de 2012

Leia mais

PROGRAMA DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UEMA PIBIC-CNPq/UEMA/FAPEMA EDITAL UEMA/PPG Nº 03/2015

PROGRAMA DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UEMA PIBIC-CNPq/UEMA/FAPEMA EDITAL UEMA/PPG Nº 03/2015 PROGRAMA DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UEMA PIBIC-CNPq/UEMA/FAPEMA EDITAL UEMA/PPG Nº 03/2015 A Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da Universidade Estadual do Maranhão - PPG UEMA em conjunto

Leia mais

Regulamento do Colegiado dos Cursos da Faculdade Católica Santa Teresinha (Aprovado pela Resolução 005/2010-DG/FCST, datado de 20/12/2010)

Regulamento do Colegiado dos Cursos da Faculdade Católica Santa Teresinha (Aprovado pela Resolução 005/2010-DG/FCST, datado de 20/12/2010) 0 Regulamento do Colegiado dos Cursos da Faculdade Católica Santa Teresinha (Aprovado pela Resolução 005/2010-DG/FCST, datado de 20/12/2010) CAICÓ-RN 2010 1 SUMÁRIO CAPÍTULO I: DA NATUREZA, COMPOSIÇÃO

Leia mais

Chamada de Propostas de Pesquisa na área de Mudanças Climáticas Globais Convênio FAPESP-FAPERJ

Chamada de Propostas de Pesquisa na área de Mudanças Climáticas Globais Convênio FAPESP-FAPERJ Chamada de Propostas de Pesquisa na área de Mudanças Climáticas Globais Convênio FAPESP-FAPERJ 1) Introdução A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo FAPESP e a Fundação de Amparo à Pesquisa

Leia mais

1. OBJETIVO 2. DADOS FINANCEIROS E ORÇAMENTÁRIOS

1. OBJETIVO 2. DADOS FINANCEIROS E ORÇAMENTÁRIOS 1. OBJETIVO O referido Edital tem por objetivo apoiar o desenvolvimento da pesquisa científica e/ou tecnológica no estado, através da presença, nas instituições baianas, de pesquisadores estrangeiros renomados

Leia mais

EDITAL DE APOIO A PESQUISADORES INTERNACIONAIS VISITANTES UFMT

EDITAL DE APOIO A PESQUISADORES INTERNACIONAIS VISITANTES UFMT EDITAL DE APOIO A PESQUISADORES INTERNACIONAIS VISITANTES UFMT EDITAL PROPeq/UFMT DE APOIO A PESQUISADORES INTERNACIONAIS VISITANTES - Maio de 2015 I) OBJETIVOS: O Edital de Apoio à participação de pesquisadores

Leia mais

PROJETO IICA/BRA/09/005 TERMO DE REFERÊNCIA: MODALIDADE PRODUTO

PROJETO IICA/BRA/09/005 TERMO DE REFERÊNCIA: MODALIDADE PRODUTO INSTITUTO INTERAMERICANO DE COOPERAÇÃO PARA A AGRICULTURA PROJETO IICA/BRA/09/005 TERMO DE REFERÊNCIA: MODALIDADE PRODUTO 1. IDENTIFICAÇÃO DA CONSULTORIA Contratar consultoria por produto para formular

Leia mais

MANUAL DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CENTRO DE AGRÁRIAS

MANUAL DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CENTRO DE AGRÁRIAS MANUAL DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO CENTRO DE AGRÁRIAS PALMAS TO, 2015 1. Informações Gerais O presente Manual da Católica do Tocantins, mantida pela União Brasiliense de Educação e Cultura (UBEC)

Leia mais

Cartilha para Conselhos. Municipais de Educação

Cartilha para Conselhos. Municipais de Educação Cartilha para Conselhos Municipais de Educação Sistemas de ensino são o conjunto de campos de competências e atribuições voltadas para o desenvolvimento da educação escolar que se materializam em instituições,

Leia mais

Deve ser constituída e implantada de acordo com o que determina a Portaria 2616/98. Os documentos necessários são

Deve ser constituída e implantada de acordo com o que determina a Portaria 2616/98. Os documentos necessários são 1 A Comissão de Controle de Infecção hospitalar deve ser composta por profissionais da área de saúde, de nível superior. O número de componentes dependerá do número de leitos (no caso de ser um hospital),

Leia mais

Edital FAPERJ n.º 17/2010 Parceria CAPES/FAPERJ PROGRAMA EQUIPAMENTO SOLIDÁRIO CAPES/FAPERJ 2010

Edital FAPERJ n.º 17/2010 Parceria CAPES/FAPERJ PROGRAMA EQUIPAMENTO SOLIDÁRIO CAPES/FAPERJ 2010 Edital n.º 17/2010 Parceria / PROGRAMA EQUIPAMENTO SOLIDÁRIO / 2010 O Ministério da Educação, por meio da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, e o Governo do Estado do Rio de Janeiro,

Leia mais

GEIA Grupo ESUDA de Interlocução Acadêmica

GEIA Grupo ESUDA de Interlocução Acadêmica (2014) Coordenação: Professora Marina Pinheiro INSCRIÇÕES DE PROPOSTAS: 03 de fevereiro a 31 de outubro 2014 LOCAL DE ENTREGA DAS DOCUMENTAÇÕES: Apoio Acadêmico DOCUMENTOS QUE DEVEM SER ENTREGUES AO APOIO

Leia mais

EDITAL PRPGI Nº 36, de 24 de setembro de 2012 APOIO À PUBLICAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS

EDITAL PRPGI Nº 36, de 24 de setembro de 2012 APOIO À PUBLICAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MARANHÃO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO DIRETORIA DE PESQUISA EDITAL PRPGI Nº 36, de 24 de setembro de 2012 APOIO À PUBLICAÇÃO

Leia mais

IMPLANTAÇÃO DE NÚCLEOS DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA

IMPLANTAÇÃO DE NÚCLEOS DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA Ministério da Saúde Fundação Oswaldo Cruz Escola Nacional de Saúde Pública Escola de Governo em Saúde Programa de Educação à Distância IMPLANTAÇÃO DE NÚCLEOS DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA Equipe da Coordenação

Leia mais

NÚCLEO DE JOVENS EMPREENDEDORES DA ASSOCIAÇÃO COMERCIAL E EMPRESARIAL DE SUZANO CAPÍTULO I - DAS FINALIDADES

NÚCLEO DE JOVENS EMPREENDEDORES DA ASSOCIAÇÃO COMERCIAL E EMPRESARIAL DE SUZANO CAPÍTULO I - DAS FINALIDADES 1 NÚCLEO DE JOVENS EMPREENDEDORES DA ASSOCIAÇÃO COMERCIAL E EMPRESARIAL DE SUZANO CAPÍTULO I - DAS FINALIDADES Art. 1 o O Núcleo de Jovens Empreendedores da Associação Comercial e Empresarial de Suzano

Leia mais

EDITAL FAPEMIG 13/2013 PROGRAMA DE APOIO À INOVAÇÃO TECNOLÓGICA EM MICROEMPRESAS E EMPRESAS DE PEQUENO PORTE TECNOVA MINAS GERAIS

EDITAL FAPEMIG 13/2013 PROGRAMA DE APOIO À INOVAÇÃO TECNOLÓGICA EM MICROEMPRESAS E EMPRESAS DE PEQUENO PORTE TECNOVA MINAS GERAIS EDITAL FAPEMIG 13/2013 PROGRAMA DE APOIO À INOVAÇÃO TECNOLÓGICA EM MICROEMPRESAS E EMPRESAS DE PEQUENO PORTE TECNOVA MINAS GERAIS Objetivos da apresentação Exposição dos principais detalhes do edital,

Leia mais

LEI Nº 2.998/2007 CAPÍTULO I DA COMPOSIÇÃO

LEI Nº 2.998/2007 CAPÍTULO I DA COMPOSIÇÃO LEI Nº 2.998/2007 REGULAMENTA O CONSELHO MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO URBANO - COPLAN, CRIADO NO ARTIGO 2º, DA LEI COMPLEMENTAR N.º 037/2006, DE 15 DE DEZEMBRO, QUE DISPOE SOBRE NORMAS DE

Leia mais

Programa Institucional de Iniciação Cientifica do Centro Universitário da Fundação Educacional de Barretos PIC/UNIFEB

Programa Institucional de Iniciação Cientifica do Centro Universitário da Fundação Educacional de Barretos PIC/UNIFEB Programa Institucional de Iniciação Cientifica do Centro Universitário da Fundação Educacional de Barretos PIC/UNIFEB INTRODUÇÃO A atividade de pesquisa científica é parte da tríade das funções das Instituições

Leia mais

ATA DA REUNIÃO DONÚCLEO DOCENTE ESTRUTURANTE NDE

ATA DA REUNIÃO DONÚCLEO DOCENTE ESTRUTURANTE NDE REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTERIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO Fundação Universidade Federal do Amapá UNIFAP COORDENAÇÃO DO CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA CCEF Secretaria do Curso de Educação Física ATA

Leia mais