CIRCULAÇÃO Animal Comparada Parte II

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CIRCULAÇÃO Animal Comparada Parte II"

Transcrição

1 UNIVERSIDADE CATÓLICA DO SALVADOR Departamento: Zoologia DISCIPLINA: BIO335 FISIOLOGIA ANIMAL E COMPARADA I PROF. Jorge Rabelo de Sousa, M.Sc. CIRCULAÇÃO Animal Comparada Parte II

2 SISTEMA LINFÁTICO

3 A corte histológico dos vaso linfáticos em pequeno aumento; B corte histológico de vaso (endotélio) linfático; C- esquema do interstício.

4 LINFA (vascular) - vertebrados (ausente ou rudimentar em peixes) CARACTERÍSTICAS: transparente, amarelado, coletado do líquido intersticial, retoma ao sangue FUNÇÕES: manutenção do volume do LEC - drenagem do excesso de líquido e proteínas do líquido intersticial; transporte de gorduras absorvidas no intestino transporte de hormônios de alto peso molecular defesa do organismo - resposta imune / sistema imunológico Répteis e anfíbios possuem coração linfático; também presente em aves (embriões). Ausentes em mamíferos.

5 FUNÇÕES DO SANGUE/LINFA (RESPOSTA IMUNE)

6 FUNÇÕES DO SANGUE/LINFA (RESPOSTA IMUNE)

7 FUNÇÕES DO SANGUE (REGULAÇÃO TÉRMICA)

8 FUNÇÕES DO SANGUE (REGULAÇÃO TÉRMICA)

9 HEMÓSTASE Contração vascular cefálopodes, vertebrados Coagulação mamíferos Aglutinação de células sanguíneas + proteínas insetos Gelificação corpúsculos explosivos crustáceos Contração do corpo - anelídeos

10 Coagulação mamíferos

11 Coagulação mamíferos

12 Circulação dos vertebrados

13 Circulação dos vertebrados

14 Circulação simples x circulação dupla

15 Distribuição aproximada de água e sólidos no corpo dos vertebrados

16 TIPOS MORFOLÓGICOS DE CORAÇÕES CORAÇÃO PRINCIPAL Tubulares insetos Vasos pulsáteis anelídeos Cameral = Cavitário Unicameral crustáceos Bicavitário peixes Tricavitário anfíbios, répteis Tetracavitário crocodilos, aves e mamíferos CORAÇÕES ACESSÓRIOS Branquial moluscos Muscular vertebrados Antenal insetos Caudal ciclóstomos CORAÇÕES LINFÁTICOS Peixes, anfíbios, crustáceos, insetos, aranhas, etc.

17 Sistema Circulatório dos ciclóstomos Sistema parcialmente aberto com grandes seios sanguíneos! Principal característica: além do coração normal (coração branquial), possui três grupos de corações acessórios: Coração porta Coração cardinais Coração caudal Peixe-bruxa Lampréia

18 Coração caudal do peixe-bruxa Cartilagem Músculo extrínseco Câmaras do coração caudal

19 Sistema Circulatório dos peixes (Teleósteos e elasmobrânquias) Circulação simples: possui apenas um circuito Circulação completa: como não há mistura de sangue arterial com sangue venoso A cada contração do músculo cardíaco, o sangue atravessa duas redes de capilares. = sangue venoso (pobre em oxigênio) = sangue venoso (rico em oxigênio)

20 O coração dos peixes tem duas câmaras ou cavidades

21 O coração de elasmobrânquios com pericárdio não-complacente

22 Circulação em peixes sem pulmão Aorta dorsal Cabeça Brânquias Coração Tubo digestivo Rins Posterior Fígado Veia cardinal anterior Veia cardinal posterior

23 Circulação em peixes sem pulmão

24 Circulação em peixes pulmonados Aorta dorsal Pulmão Cabeça Brânquias Tubo digestivo Rins Posterior Coração Fígado Veia cardinal anterior Veia cardinal posterior Átrios divididos e ventrículo parcialmente dividido.

25 Circulação em peixes pulmonados

26 Circulação em peixe pulmonado africano (Protopterus)

27 Circulação em anfíbios pulmonados

28 Circulação em anfíbios pulmonados Átrios divididos, ventrículo único. Existe pouca mistura entre sangue bem oxigenado e pouco oxigenado com a ajuda da válvula em espiral no interior do cone arterial.

29 Circulação em anfíbios pulmonados S = saturação de oxigênio

30 Circulação em répteis não-crocodiliano (ex. lepidossauros e quelônios) Circulação dupla e incompleta Aorta dorsal Arco sistêmico esquerdo Artéria pulmonar Veia pulmonar Cabeça Pulmão Tubo digestivo Rins Posterior Arco sistêmico direito Coração Fígado Veia jugular Veia cava posterior Átrios divididos e ventrículo parcialmente dividido.

31

32 Circulação em crocodilianos Aorta dorsal Arco sistêmico direito Artéria pulmonar Veia pulmonar Cabeça Pulmão Tubo digestivo Rins Posterior Arco sistêmico esquerdo Coração Fígado Veia jugular Veia cava posterior Átrios e ventrículos completamente divididos. Presença do forâmen de Panizza.

33 Coração dos répteis crocodilianos

34 Circulação em aves e mamíferos Circulação dupla e completa Circulação pulmonar e circulação sistêmica - a pressão pode ser diferente!

35 Circulação dos invertebrados

36 Circulação nos invertebrados Sistema circulatório fechado

37 Circulação da minhoca (anelídeo) Sistema circulatório fechado Vaso dorsal Cavidade intestinal Ramificação nefridial Vaso dorsal Vaso ventral Vaso ventral Vaso subneural Vaso neural lateral Vaso neural lateral Vaso subneural Corações

38 Sistema circulatório dos insetos Coração D OP Aorta N S D = diafragma dorsal com músculos; N = cordão nervoso OP = órgãos pulsáteis; S = septos que dividem apêndices

39 Aorta Coração dos insetos (ex. Barata Blaberus) Coração Músculos

40 Sistema circulatório dos crustáceos Oposto dos peixes nos decápodas o coração recebe sangue oxigenado

41 BIBLIOGRAFIA RANDALL, D., LiURGGREN. W. E FRENCH. K. Ekert Fisiologia Animal Mecanismos e Adaptações. 4. ed. Rio de Janeiro: Ed.Guanabara - Koogan, 2000, 729 p. SCHMIDT - NIELSEN, K. Fisiologia Animal - Adaptação e Meio Ambiente. 5. ed. São Paulo: Livraria Santos Editora, p. Fisiologia Animal - Adaptação e Meio Ambiente. 5. ed. São Paulo: Livraria Santos Editora, SIVERTHORN, DEE UNGLAUB. Fisiologia Humana: uma abordagem integrada. 1 ª ed. São Paulo: Ed. Manole, p.

Fisiologia Comparativa da. Circulação de Invertebrados

Fisiologia Comparativa da. Circulação de Invertebrados Fisiologia Comparativa da Circulação de Invertebrados Circulação em Invertebrados Muitos invertebrados têm CIRCULAÇÃO ABERTA = o sangue é bombeado pelo esvaziamento do coração até um espaço (ou seio) a

Leia mais

Capítulo 3 página 254 a ª série Professora Priscila Binatto

Capítulo 3 página 254 a ª série Professora Priscila Binatto Capítulo 3 página 254 a 270 2ª série Professora Priscila Binatto Elementos Figurados Glóbulos Vermelhos Hemácias ou eritrócitos formato bicôncavo Presente em todos vertebrados mamíferos anucleadas Gerada

Leia mais

MAMÍFEROS. 15 Sistema Poliedro de Ensino Professora Giselle Cherutti

MAMÍFEROS. 15 Sistema Poliedro de Ensino Professora Giselle Cherutti MAMÍFEROS Capítulo 15 Sistema Poliedro de Ensino Professora Giselle Cherutti CARACTERÍSTICAS GERAIS DOS MAMÍFEROS Aquáticos: Habitat: Mamíferos podem ser terrestres: Único mamífero que voa: Pelos Estratificada

Leia mais

SISTEMA CARDIOVASCULAR. Elab.: Prof. Gilmar

SISTEMA CARDIOVASCULAR. Elab.: Prof. Gilmar 1 SISTEMA CARDIOVASCULAR 2 Funções Gerais: Transporte de gases respiratórios:o sangue carrega oxigênio dos pulmões para as células do corpo e dióxido de carbono das células para aos pulmões. Transporte

Leia mais

Sistemas de Transportes

Sistemas de Transportes Sistemas de Transportes 1 Generalidades e perfeitamente normal hoje em dia se admitir que a vida começou dentro d água, principalmente porque os organismos inferiores possuem suas células diretamente banhadas

Leia mais

SISTEMA CARDIOVASCULAR. Prof. Jair

SISTEMA CARDIOVASCULAR. Prof. Jair SISTEMA CARDIOVASCULAR Prof. Jair FUNÇÕES Transporte de gases dos pulmões aos tecidos e dos tecidos aos pulmões Transporte dos nutrientes das vias digestivas aos tecidos Transporte de toxinas Distribuição

Leia mais

Sistema Cardiovascular. Prof. Dr. Leonardo Crema

Sistema Cardiovascular. Prof. Dr. Leonardo Crema Sistema Cardiovascular Prof. Dr. Leonardo Crema Visão Geral do Sistema Circulatório: A função da circulação é atender as necessidades dos tecidos. Sistema Circulartório= Sistema Cardiovascular É uma série

Leia mais

Biofísica da circulação. Hemodinâmica cardíaca. Forças e mecanismos físicos relacionados à circulação sanguínea

Biofísica da circulação. Hemodinâmica cardíaca. Forças e mecanismos físicos relacionados à circulação sanguínea Biofísica da circulação Hemodinâmica cardíaca Forças e mecanismos físicos relacionados à circulação sanguínea Sistema circulatório 1) Sistema cardiovascular coração, vasos sanguíneos, sangue, sistema de

Leia mais

Transporte de nutrientes e oxigénio até às células

Transporte de nutrientes e oxigénio até às células Transporte de nutrientes e oxigénio até às células Sistema Circulatório Apresentação feita por Prof. Mónica Moreira Conceito e função do sistema circulatório O sistema circulatório é responsável pela circulação

Leia mais

Evolução dos vertebrados

Evolução dos vertebrados PEIXES Evolução dos vertebrados PEIXES PULMONADOS AVES ÓSSEOS ANFÍBIOS RÉPTEIS CICLÓSTOMO PEIXES MAMÍFEROS CARTILAGINOSOS Peixe Primitivo (Lampreias e Feiticeiras) Características gerais Exclusivamente

Leia mais

Sistema circulatório

Sistema circulatório Sistema circulatório O sangue Líquido vermelho e viscoso que circula no nosso organismo, sem parar, e que tem várias funções no organismo: Transporte de gases e nutrientes Regulação da temperatura Defesa

Leia mais

Prof: Clayton de Souza da Silva

Prof: Clayton de Souza da Silva Prof: Clayton de Souza da Silva Sangue O sangue é a massa líquida contida num compartimento fechado, o aparelho circulatório, que a mantém em movimento regular e unidirecional, devido essencialmente às

Leia mais

EXERCÍCIOS DE BIOLOGIA

EXERCÍCIOS DE BIOLOGIA EXERCÍCIOS DE BIOLOGIA Profes s or: T oscano IFSP - CAMPUS CUBATÃO Circulação: 1) (FUCMT-MS). Considere os seguintes tecidos vegetais: I - xilema III - floema II - colênquima IV - esclerênquima Sâo tecidos

Leia mais

DISCIPLINA: SÉRIE: 2º. ALUNO(a):

DISCIPLINA: SÉRIE: 2º. ALUNO(a): GOIÂNIA, / / 2015 PROFESSOR: DISCIPLINA: SÉRIE: 2º ALUNO(a): NOTA: No Anhanguera você é + Enem 1) (UFSCar/2009) O sistema circulatório dos vertebrados mostra uma evolução ocorrida entre os grandes grupos.

Leia mais

Funções: distribuição de substâncias (nutrientes, gases respiratórios, produtos do metabolismo, hormônios, etc) e calor.

Funções: distribuição de substâncias (nutrientes, gases respiratórios, produtos do metabolismo, hormônios, etc) e calor. Funções: distribuição de substâncias (nutrientes, gases respiratórios, produtos do metabolismo, hormônios, etc) e calor Componentes: Vasos sanguíneos, Coração, Sangue http://www.afh.bio.br/cardio/cardio3.asp

Leia mais

SISTEMA CIRCULATÓRIO DOS VERTEBRADOS

SISTEMA CIRCULATÓRIO DOS VERTEBRADOS SISTEMA CIRCULATÓRIO DOS VERTEBRADOS Os vertebrados, como são grandes e complexos há a necessidade de um sistema circulatório definido. Nos invertebrados ocorre o desenvolvimento de dois tipos de circulação:

Leia mais

Sistema Cardiovascular. Prof. Dr. Leonardo Crema

Sistema Cardiovascular. Prof. Dr. Leonardo Crema Sistema Cardiovascular Prof. Dr. Leonardo Crema Visão Geral do Sistema Circulatório: A função da circulação é atender as necessidades dos tecidos. Sistema Circulartório= Sistema Cardiovascular É uma série

Leia mais

5 Observe a figura abaixo e responda.

5 Observe a figura abaixo e responda. 5 Nome: Data: UniDaDE 7 1 As artérias e veias apresentam morfologias e funções distintas. As artérias transportam o sangue do coração para os tecidos. Já as veias transportam o sangue dos tecidos até o

Leia mais

SISTEMA CARDIOVASCULAR. Fisiologia Humana I

SISTEMA CARDIOVASCULAR. Fisiologia Humana I SISTEMA CARDIOVASCULAR Fisiologia Humana I Fornecer e manter suficiente, contínuo e variável o fluxo sanguíneo aos diversos tecidos do organismo, segundo suas necessidades metabólicas para desempenho das

Leia mais

Sistema cardiovascular. Profº Fernando Belan - BIOLOGIA MAIS

Sistema cardiovascular. Profº Fernando Belan - BIOLOGIA MAIS Sistema cardiovascular Profº Fernando Belan - BIOLOGIA MAIS Sistema sanguíneo Tem como função transportar nutrientes até às células e retirar as excretas. Constituído por coração, artérias, veias e capilares.

Leia mais

ANATOMIA SISTÊMICA Profa.Ms. Marcelo Lima

ANATOMIA SISTÊMICA Profa.Ms. Marcelo Lima Sistema Cardiovascular ANATOMIA SISTÊMICA Profa.Ms. Marcelo Lima INTRODUÇÃO: CONCEITO: O sistema cardiovascular ou circulatório é formado por uma vasta rede de tubos, que põe em comunicação todas as partes

Leia mais

Disciplina Embriologia Humana FAMEMA

Disciplina Embriologia Humana FAMEMA EMBRIOLOGIA DO SISTEMA CARDIOVASCULAR: Teoria e Plano de Estudo Prático Profa. Dra. Maria Angélica Spadella Disciplina Embriologia Humana FAMEMA SISTEMA CARDIOVASCULAR CRONOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO ESTABELECIMENTO

Leia mais

Biologia Móds. 21/22 Setor 1423 Cordados Prof. Rafa

Biologia Móds. 21/22 Setor 1423 Cordados Prof. Rafa Biologia Móds. 21/22 Setor 1423 Cordados Prof. Rafa Características: Triblásticos Celomados ectoderme intestino mesoderme celoma cavidade corporal na mesoderme endoderme Características: Deuterostômios:

Leia mais

Centro Universitário Maurício de Nassau Prof. Douglas Monteiro. Sistema Circulatório

Centro Universitário Maurício de Nassau Prof. Douglas Monteiro. Sistema Circulatório Centro Universitário Maurício de Nassau Prof. Douglas Monteiro Sistema Circulatório Coração Conceito: É um órgão muscular central do aparelho circulatório, que funciona como uma bomba dupla de sucção e

Leia mais

QUESTÕES SISTEMA CARDIOVASCULAR

QUESTÕES SISTEMA CARDIOVASCULAR SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA/SECRETARIA DE EDUCAÇÃO POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE GOIÁS COMANDO DE ENSINO POLICIAL MILITAR COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR SARGENTO NADER ALVES DOS SANTOS SÉRIE/ANO: 2ª TURMA(S):

Leia mais

17/11/2016. Válvula em espiral e cecos pilóricos = aumentam área de absorção no intestino. Anfíbios: cloaca; não apresentam dentes; língua protrátil.

17/11/2016. Válvula em espiral e cecos pilóricos = aumentam área de absorção no intestino. Anfíbios: cloaca; não apresentam dentes; língua protrátil. Peixes cartilaginosos Sistema digestório Sistema cardiovascular Peixes ósseos Válvula em espiral e cecos pilóricos = aumentam área de absorção no intestino. Aves: Anfíbios: cloaca; não apresentam dentes;

Leia mais

EXERCÍCIO DE CIÊNCIAS COM GABARITO 8º ANO 1. (PUC-SP) O esquema abaixo é referente ao coração de um mamífero

EXERCÍCIO DE CIÊNCIAS COM GABARITO 8º ANO 1. (PUC-SP) O esquema abaixo é referente ao coração de um mamífero EXERCÍCIO DE CIÊNCIAS COM GABARITO 8º ANO 1. (PUC-SP) O esquema abaixo é referente ao coração de um mamífero a) Que números indicam artérias e veias? b) Que números indicam vasos por onde circulam sangue

Leia mais

Filo Chordada (Cordados) Vitor Leite

Filo Chordada (Cordados) Vitor Leite Filo Chordada (Cordados) Vitor Leite Filo Chordata (Cordados) Características gerais: -Triblásticos, celomados, deuterostômios, apresentam metameria (evidente na fase embrionária); Características Exclusivas:

Leia mais

EDUCAÇÃO É ESSENCIAL!

EDUCAÇÃO É ESSENCIAL! 1. O termo hipóxia refere-se à condição na qual a disponibilidade ou a utilização de oxigênio está reduzida. Os indivíduos B, C, D e E, relacionados na tabela a seguir, estão submetidos a diferentes formas

Leia mais

Curso de Formação Profissional em Primeiros Socorros. Curso de Formação Profissional em Primeiros Socorros

Curso de Formação Profissional em Primeiros Socorros. Curso de Formação Profissional em Primeiros Socorros Curso de Formação Profissional em Primeiros Socorros Formador Credenciado Eng. Paulo Resende Dezembro de 2013 Anatomia e fisiologia do corpo humano OBJETIVOS Caracterizar os diversos sistemas que constituem

Leia mais

FISIOLOGIA HUMANA UNIDADE V: SISTEMA RESPIRATÓRIO

FISIOLOGIA HUMANA UNIDADE V: SISTEMA RESPIRATÓRIO FISIOLOGIA HUMANA UNIDADE V: SISTEMA RESPIRATÓRIO Funções Troca de gases com o ar atmosférico; Manutenção da concentração de oxigênio; Eliminação da concentração de dióxido de carbônico; Regulação da ventilação.

Leia mais

Sistema Circulatório. Aparelho Circulatório Aparelho cárdio-vascular. Sistema Vascular Sistema Cárdio-Vascular. Angiologia

Sistema Circulatório. Aparelho Circulatório Aparelho cárdio-vascular. Sistema Vascular Sistema Cárdio-Vascular. Angiologia Sistema Circulatório Aparelho Circulatório Aparelho cárdio-vascular Sistema Vascular Sistema Cárdio-Vascular Angiologia Sistema Circulatório Funções Meio de transporte Ligação metabólica entre diferentes

Leia mais

Transporte nos animais

Transporte nos animais Transporte nos animais Tal como nas plantas, nem todos os animais possuem sistema de transporte, apesar de todos necessitarem de estabelecer trocas com o meio externo. As hidras têm somente duas camadas

Leia mais

Cor C da or do da s do Prof. Fernando Belan Prof. Fernand - BIOLOGIA MAIS o Belan

Cor C da or do da s do Prof. Fernando Belan Prof. Fernand - BIOLOGIA MAIS o Belan Cordados Cordados Prof. Fernando Fernando Belan Belan -- BIOLOGIA BIOLOGIA MAIS MAIS Prof. Introdução Protocordados (anfioxo e ascídia); Vertebrados (peixes, anfíbios, répteis, aves e mamíferos); Simetria

Leia mais

SUPERCLASSE PEIXES 2) CLASSE CONDRÍCTEIS PEIXES CARTILAGINOSOS

SUPERCLASSE PEIXES 2) CLASSE CONDRÍCTEIS PEIXES CARTILAGINOSOS PEIXES SUPERCLASSE PEIXES 2) CLASSE CONDRÍCTEIS PEIXES CARTILAGINOSOS Endoesqueleto cartilaginoso Espiráculos Boca ventral 5 a 7 pares de fendas branquiais Sem bexiga natatória Presença de cloaca Glândula

Leia mais

Como funciona o sistema respiratório?

Como funciona o sistema respiratório? Como funciona o sistema respiratório? O sistema respiratório é responsável pela ventilação pulmonar. " O diafragma contrai-se e desloca-se para baixo. " Os músculos intercostais contraem-se, afastando

Leia mais

Cardiologia. Prof. Claudia Witzel

Cardiologia. Prof. Claudia Witzel Cardiologia Introdução Disfunções circulatórias levam as pessoas a adoecerem. Origem congênita ( já nasce com a doença, como a deficiência na formação de válvulas cardíacas) Origem infecciosa ( bactérias

Leia mais

Sistema Circulatório. Ms. Roberpaulo Anacleto

Sistema Circulatório. Ms. Roberpaulo Anacleto Sistema Circulatório Ms. Roberpaulo Anacleto Sistema Circulatório É o sistema pelo qual são transportados nutrientes: Gases; Hormônios; Hemácias. Para as células do organismo e também a partir delas, a

Leia mais

Ano: 8 Turma: 81 e 82

Ano: 8 Turma: 81 e 82 COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Final 2ª Etapa 2013 Disciplina: Ciências Professor (a): Felipe Cesar Ano: 8 Turma: 81 e 82 Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de recuperação.

Leia mais

Sistema Cardiovascular. Parte II 25/03/2013. Suprimento Sanguíneo do Coração Face Auricular aurícula esquerda seccionada

Sistema Cardiovascular. Parte II 25/03/2013. Suprimento Sanguíneo do Coração Face Auricular aurícula esquerda seccionada UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA Campus Curitibanos Curso de Medicina Veterinária Anatomia II Sistema Cardiovascular Suprimento Sanguíneo do Coração Aa. Coronárias Direita e Esquerda Originam-se

Leia mais

BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 60 CORDADOS

BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 60 CORDADOS BIOLOGIA - 1 o ANO MÓDULO 60 CORDADOS ixação F ) Um aluno esquematizou um anfioxo, indicando, com legendas, os principais caracteres do 2 lo Chordata. p Indique a legenda que aponta o ERRO cometido

Leia mais

SISTEMA CARDIOVASCULAR

SISTEMA CARDIOVASCULAR SISTEMA CARDIOVASCULAR O coração consiste em duas bombas em série Circulação Pulmonar Circulação Sistêmica Pequena Circulação ou Circulação Pulmonar Circulação coração-pulmão-coração. Conduz o sangue venoso

Leia mais

RESUMO APARELHO CARDIOVASCULAR

RESUMO APARELHO CARDIOVASCULAR Veia (vaso que volta ao coração) Artéria (vaso que sai do coração) No lado direito do coração só circula sangue venoso, e no lado esquerdo só circula sangue artrial. Refira funções do aparelho cardiovascular

Leia mais

y Para viver, viver os seres aeróbios necessitam da entrada constante de oxigénio para as células e da eliminação eficaz do dióxido de carbono que se

y Para viver, viver os seres aeróbios necessitam da entrada constante de oxigénio para as células e da eliminação eficaz do dióxido de carbono que se Trocas gasosas nos seres multicelulares y Para viver, viver os seres aeróbios necessitam da entrada constante de oxigénio para as células e da eliminação eficaz do dióxido de carbono que se forma como

Leia mais

Comparação entre dois métodos de retirada do suporte ventilatório em pacientes no pós-operatório de cirurgia cardíaca 1

Comparação entre dois métodos de retirada do suporte ventilatório em pacientes no pós-operatório de cirurgia cardíaca 1 Sistema cardiovascular Sistema condutor do sangue e seus nutrientes por todo o corpo ANATOMIA E FISIOLOGIA CARDÍACA Formação: Coração: órgão propulsor da corrente sangüínea Sistema vascular: composto por

Leia mais

6 ª série Ensino Fundamental Ciências Escola Santa Angélica

6 ª série Ensino Fundamental Ciências Escola Santa Angélica 6 ª série Ensino Fundamental Ciências Escola Santa Angélica Unidade I Descobrindo os seres vivos Níveis de organização biológica Unidade I Descobrindo os seres vivos Hereditariedade: passagem dos genes

Leia mais

Fisiologia do Sistema Cardiovascular. Profa. Deise Maria Furtado de Mendonça

Fisiologia do Sistema Cardiovascular. Profa. Deise Maria Furtado de Mendonça Fisiologia do Sistema Cardiovascular Profa. Deise Maria Furtado de Mendonça Introdução ao Sistema Cardiovascular Coração e sistema fechado de vasos. Sangue move-se continuamente por gradiente de pressão.

Leia mais

OBS: o sangue (tecido sanguíneo) é o líquido impulsionado por este sistema.

OBS: o sangue (tecido sanguíneo) é o líquido impulsionado por este sistema. Coração ( bomba ); Vasos sanguíneos ( tubos ); OBS: o sangue (tecido sanguíneo) é o líquido impulsionado por este sistema. Transporte de substâncias (O 2, CO 2, nutrientes, hormônios, metabólitos, etc.);

Leia mais

14/11/2014. Que células originam o coração? Mesoderma Lateral Crista neural OS FILMES TAMBÉM ESTARÃO DISPONÍVELS NO YOUTUBE

14/11/2014. Que células originam o coração? Mesoderma Lateral Crista neural OS FILMES TAMBÉM ESTARÃO DISPONÍVELS NO YOUTUBE OS FILMES TAMBÉM ESTARÃO DISPONÍVELS NO YOUTUBE www.youtube.com/user/ireneyan1 Cardiopatias congênitas e malformações extracardíacas Rev. paul. pediatr. vol.31 no.2 São Paulo June 2013 Malformações são

Leia mais

Sistema circulatório

Sistema circulatório Sistema circulatório O que é: também conhecido como sistema cardiovascular é formado pelo coração e vasos sanguíneos. Tal sistema é responsável pelo transporte de nutrientes, gases, hormônios, excreções

Leia mais

Bombear e forçar o sangue através dos vasos sanguíneos do corpo, fornecendo a cada célula do corpo nutrientes e oxigénio.

Bombear e forçar o sangue através dos vasos sanguíneos do corpo, fornecendo a cada célula do corpo nutrientes e oxigénio. Função : Bombear e forçar o sangue através dos vasos sanguíneos do corpo, fornecendo a cada célula do corpo nutrientes e oxigénio. Dimensão, forma e localização: Tamanho de um punho fechado; Forma de um

Leia mais

AVES PROF. MARCELO MIRANDA

AVES PROF. MARCELO MIRANDA AVES Características gerais: - penas, membros anteriores modificados em asas, homeotermia(endotermia). Penas: estruturas que revestem e isolam termicamente o corpo, permitindo a manutenção da temperatura.

Leia mais

Biologia. Sistema circulatório

Biologia. Sistema circulatório Aluno (a): Série: 3ª Turma: TUTORIAL 10B Ensino Médio Equipe de Biologia Data: Biologia Sistema circulatório O coração e os vasos sanguíneos e o sangue formam o sistema cardiovascular ou circulatório.

Leia mais

Características gerais. Habitat e modo de vida

Características gerais. Habitat e modo de vida Filo Artropoda Características gerais Corpo segmentado, revestido por um exoesqueleto. Nas espécies terrestres ele é de quitina e nas marinhas de CaCO 3. Vantagens conferidas pelo exoesqueleto: Sustentação

Leia mais

Exercícios de Aprofundamento Biologia Trocas Gasosas

Exercícios de Aprofundamento Biologia Trocas Gasosas 1. (Unesp 2014) Os gráficos representam a concentração de três gases no sangue assim que passam pelos alvéolos pulmonares. É correto afirmar que os gráficos que representam as concentrações dos gases O

Leia mais

REVISÃO DO SISTEMA CARDIOVASCULAR. Fisioterapia Aplicada às Disfunções Cardiovasculares/6º Período Profa. Ivana Arigoni Pinheiro

REVISÃO DO SISTEMA CARDIOVASCULAR. Fisioterapia Aplicada às Disfunções Cardiovasculares/6º Período Profa. Ivana Arigoni Pinheiro REVISÃO DO SISTEMA CARDIOVASCULAR Fisioterapia Aplicada às Disfunções Cardiovasculares/6º Período Profa. Ivana Arigoni Pinheiro Sistema fechado e unidirecional de circulação de sangue para transporte de

Leia mais

COLÉGIO MARQUES RODRIGUES - SIMULADO

COLÉGIO MARQUES RODRIGUES - SIMULADO COLÉGIO MARQUES RODRIGUES - SIMULADO PROFESSOR ELIANE GONÇALVES DISCIPLINA CIÊNCIAS SIMULADO: P4 Estrada da Água Branca, 2551 Realengo RJ Tel: (21) 3462-7520 www.colegiomr.com.br ALUNO TURMA 501 TECIDOS,

Leia mais

Trocas Gasosas em Seres Unicelulares

Trocas Gasosas em Seres Unicelulares Trocas Gasosas em Seres Unicelulares Respiração celular Nos seres unicelulares as trocas ocorrem diretamente com o meio. Trocas Gasosas em Seres Multicelulares Trocas gasosas nas plantas Trocas gasosas

Leia mais

Trocas gasosas nos animais

Trocas gasosas nos animais Trocas gasosas nos animais Todos os seres aeróbios necessitam de um fluxo constante de oxigénio para as células e de uma remoção eficiente de dióxido de carbono formado durante a respiração. Os seres vivos

Leia mais

Trocas Gasosas em Seres Multicelulares

Trocas Gasosas em Seres Multicelulares Trocas Gasosas em Seres Multicelulares -Trocas gasosas nas plantas -Trocas gasosas nos animais Prof. Ana Rita Rainho TROCAS GASOSAS NAS PLANTAS www.biogeolearning.com 1 Trocas gasosas nas plantas Nas plantas,

Leia mais

Esta avaliação é composta de 13 questões, das quais você deverá escolher apenas 10 para responder.

Esta avaliação é composta de 13 questões, das quais você deverá escolher apenas 10 para responder. 2º EM Biologia B Marli Av. Trimestral 30/10/15 INSTRUÇÕES PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA LEIA COM MUITA ATENÇÃO 1. Verifique, no cabeçalho desta prova, se seu nome, número e turma estão corretos. 2. Esta prova

Leia mais

GOIÂNIA, / / 2015 PROFESSOR: DISCIPLINA: SÉRIE: 9º. ALUNO(a):

GOIÂNIA, / / 2015 PROFESSOR: DISCIPLINA: SÉRIE: 9º. ALUNO(a): GOIÂNIA, / / 2015 PROFESSOR: DISCIPLINA: SÉRIE: 9º ALUNO(a): Lista No Anhanguera você é + Enem Questão 01) As trocas gasosas nos anelídeos ocorrem através de: a) Brânquias ou epiderme b) Brânquias ou pulmões

Leia mais

FISIOLOGIA CARDIOVASCULAR

FISIOLOGIA CARDIOVASCULAR UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO Programa de Pós-Graduação em Ciências Fisiológicas Lab. Regulação Central do Sistema Cardiovascular Prof. Hélder Mauad FISIOLOGIA CARDIOVASCULAR Aula 6 DÉBITO CARDÍACO

Leia mais

Aula 16 Sistema Circulatório

Aula 16 Sistema Circulatório Aula 16 Sistema Circulatório O sistema circulatório participa do transporte de gases respiratórios, de nutrientes, de resíduos metabólicos, de hormônios e componentes do sistema de defesa. Os animais de

Leia mais

ANATOMIA HUMANA. Faculdade Anísio Teixeira Prof. João Ronaldo Tavares de Vasconcellos Neto

ANATOMIA HUMANA. Faculdade Anísio Teixeira Prof. João Ronaldo Tavares de Vasconcellos Neto ANATOMIA HUMANA Faculdade Anísio Teixeira Prof. João Ronaldo Tavares de Vasconcellos Neto Basicamente a respiração é a absorção pelo organismo de oxigênio e a eliminação do gás carbônico resultante do

Leia mais

BIOLOGIA. O esquema a seguir representa interações hormonais que auxiliam na liberação de secreções no sistema digestório humano:

BIOLOGIA. O esquema a seguir representa interações hormonais que auxiliam na liberação de secreções no sistema digestório humano: BOLOGA O esquema a seguir representa interações hormonais que auxiliam na liberação de secreções no sistema digestório humano: Assinale a única opção que não está de acordo com o processo digestório no

Leia mais

SISTEMA EDUCACIONAL INTEGRADO CENTRO DE ESTUDOS UNIVERSITÁRIOS DE COLIDER

SISTEMA EDUCACIONAL INTEGRADO CENTRO DE ESTUDOS UNIVERSITÁRIOS DE COLIDER SISTEMA EDUCACIONAL INTEGRADO CENTRO DE ESTUDOS UNIVERSITÁRIOS DE COLIDER Av. Senador Julio Campos, Lote 13, Loteamento Trevo Colider/MT Site: www.sei-cesucol.edu.br e-mail: sei-cesucol@vsp.com.br FACULDADE

Leia mais

REVISÃO DO FILO DOS CORDADOS. Biologia Professora: Maria Lucia Fensterseifer

REVISÃO DO FILO DOS CORDADOS. Biologia Professora: Maria Lucia Fensterseifer REVISÃO DO FILO DOS CORDADOS Biologia Professora: Maria Lucia Fensterseifer PROTOCORDADOS NOTOCORDA TUBO NERVOSO DORSAL FENDAS FARÍNGEAS ASCÍDIA = UROCORDADO (NOTOCORDA NA CAUDA DA FASE LARVAL) ANFIOXO

Leia mais

1 Os gráficos A, B e C correspondem à taxa de fotossíntese de três plantas diferentes ocorrendo em três ambientes distintos.

1 Os gráficos A, B e C correspondem à taxa de fotossíntese de três plantas diferentes ocorrendo em três ambientes distintos. 1 BIOLOGIA Os gráficos A, B e C correspondem à taxa de fotossíntese de três plantas diferentes ocorrendo em três ambientes distintos. Gráficos da taxa fotossintética em função da temperatura da folha em

Leia mais

FICHA INFORMATIVA Nº 2 Biologia e Geologia Módulo 3 O transporte nos animais

FICHA INFORMATIVA Nº 2 Biologia e Geologia Módulo 3 O transporte nos animais FICHA INFORMATIVA Nº 2 Biologia e Geologia Módulo 3 O transporte nos animais Os seres vivos necessitam de realizar trocas de substâncias com o meio envolvente. Esta troca de substâncias químicas decorre

Leia mais

ANEXO 02 CHAVES DE CORREÇÃO. Área Ciências

ANEXO 02 CHAVES DE CORREÇÃO. Área Ciências ANEXO 02 CHAVES DE CORREÇÃO Área 001 - Ciências 1) Descreva de maneira detalhada os eventos da meiose especificamente os cinco estágios da prófase I. Valor: 02 (dois) pontos. Resposta: a) Leptóteno: Cromossomos

Leia mais

FILO CHORDATA. Anfioxo. Ascídia

FILO CHORDATA. Anfioxo. Ascídia FILOS ANIMAIS FILO CHORDATA O filo apresenta cerca de 50.000 espécies distribuídas entre protocordados e vertebrados. Protocordados cordados mais simples, pequenos e exclusivamente marinhos não são muito

Leia mais

É formado pelo plasma, que representa cerca de 55 a 65% da composição sanguínea e pelos elementos figurados (hemácias, plaquetas e leucócitos) que

É formado pelo plasma, que representa cerca de 55 a 65% da composição sanguínea e pelos elementos figurados (hemácias, plaquetas e leucócitos) que SANGUE HUMANO Adulto: geralmente de 5 a 6 litros É responsável pelo transporte de substâncias pelo corpo, como aminoácidos, nutrientes, gases respiratórios, excretas, hormônios, etc. Também responde pela

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS INSTITUTO DE CIENCIAS BIOLOGICAS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS INSTITUTO DE CIENCIAS BIOLOGICAS UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS INSTITUTO DE CIENCIAS BIOLOGICAS 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO DA DISCIPLINA Departamento / Setor Departamento de Ciências Fisiológicas Nome da Disciplina FISIOLOGIA HUMANA E

Leia mais

Ficha de Trabalho de Biologia apoio ao exam 10º ano Unidade 2 Distribuição da matéria In Exames Nacionais e Testes Intermédio de

Ficha de Trabalho de Biologia apoio ao exam 10º ano Unidade 2 Distribuição da matéria In Exames Nacionais e Testes Intermédio de Estruturas Pedagógicas Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares Direção de Serviços da Região Centro Área disciplinar de Biologia e Geologia Ano letivo 2015/2016 Ficha de Trabalho de Biologia apoio

Leia mais

Níveis estruturais do corpo humano

Níveis estruturais do corpo humano Níveis estruturais do corpo humano O corpo humano como um sistema aberto SISTEMA Conjunto de componentes que funcionam de forma coordenada. ISOLADO FECHADO ABERTO Não ocorrem trocas de matéria nem energia

Leia mais

Tecido Conjuntivo de Transporte

Tecido Conjuntivo de Transporte Tecido Conjuntivo de Transporte Prof. a Sara Tatiana Moreira, Ph.D. UTFPR Campus Santa Helena 1 Elástico 1 Tecido Sanguíneo O sangue está contido em um compartimento fechado - aparelho circulatório - que

Leia mais

Zoologia dos Invertebrados Superiores Parte I: Moluscos. Prof. Dr. Francisco Soares Santos Filho CCN / UESPI

Zoologia dos Invertebrados Superiores Parte I: Moluscos. Prof. Dr. Francisco Soares Santos Filho CCN / UESPI Zoologia dos Invertebrados Superiores Parte I: Moluscos Prof. Dr. Francisco Soares Santos Filho CCN / UESPI Quem são os Invertebrados Superiores? Conceitualmente são os animais triploblásticos com celoma.

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS RECUPERAÇÃO Goiânia, de de 2016 Aluno(a):

LISTA DE EXERCÍCIOS RECUPERAÇÃO Goiânia, de de 2016 Aluno(a): LISTA DE EXERCÍCIOS RECUPERAÇÃO Goiânia, de de 2016 Aluno(a): Série: 2ª Turma: Disciplina: Biologia Professora: Olívia Código: 1. Os mamíferos aquáticos marinhos podem ficar submersos por muito tempo,

Leia mais

SISTEMA CARDIOVASCULAR

SISTEMA CARDIOVASCULAR SISTEMA CARDIOVASCULAR O CORAÇÃO COMO BOMBA: ESTRUTURA E FUNÇÃO Anatomia Cardíaca Bomba Cardíaca: Função Ventricular e Ciclo Cardíaco Débito Cardíaco e seus Componentes FC: Regulação Intrínseca e Extrínseca

Leia mais

AULA PRÁTICA 13. SISTEMA CIRCULATÓRIO e MÚSCULO CARDÍACO

AULA PRÁTICA 13. SISTEMA CIRCULATÓRIO e MÚSCULO CARDÍACO AULA PRÁTICA 13 SISTEMA CIRCULATÓRIO e MÚSCULO CARDÍACO O sistema circulatório é constituído por dois componentes funcionais: o sistema vascular sanguíneo e o sistema vascular linfático. O sistema vascular

Leia mais

REINO ANIMAL. Qual a importância da metameria? FILO: ANELÍDEOS VERMES CILÍNDRICOS E SEGMENTADOS. Qual a importância da metameria?

REINO ANIMAL. Qual a importância da metameria? FILO: ANELÍDEOS VERMES CILÍNDRICOS E SEGMENTADOS. Qual a importância da metameria? REINO ANIMAL FILO: ANELÍDEOS VERMES CILÍNDRICOS E SEGMENTADOS Metâmeros são compartimentos contíguos, revestidos internamente por mesoderme, e separados uns dos outros por paredes (septos) mesodérmicas.

Leia mais

AS CÉLULAS ORGANIZAM-SE EM TECIDOS

AS CÉLULAS ORGANIZAM-SE EM TECIDOS AS CÉLULAS ORGANIZAM-SE EM TECIDOS AS CÉLULAS ORGANIZAM-SE EM TECIDOS 1 AS CÉLULAS ORGANIZAM-SE EM TECIDOS Um grupamento de células diferenciadas e especializadas na execução de certa função denomina-se

Leia mais

Desenvolvimento do coração

Desenvolvimento do coração Desenvolvimento do coração O desenvolvimento dos vasos sangui neos primitivos e das primeiras ce lulas do sangue comec a aos 18-19 dias na mesoderme extraembriona ria do saco vitelino e do alantoide. A

Leia mais

EMBRIOLOGIA DO SISTEMA CARDIOVASCULAR

EMBRIOLOGIA DO SISTEMA CARDIOVASCULAR 9/11/2010 EMBRIOLOGIA DO SISTEMA CARDIOVASCULAR A1, Vista dorsal do embrião Dobramento cefálico Prof. MSc Weverson Pires wlp_cell@yahoo.com.br pirescell@gmail.com Septo transverso, coração primitivo, o

Leia mais

Programa Analítico de Disciplina CBF220 Anatomia Humana

Programa Analítico de Disciplina CBF220 Anatomia Humana Catálogo de Graduação 016 da UFV 0 Programa Analítico de Disciplina Campus de Florestal - Campus de Florestal Número de créditos: Teóricas Práticas Total Duração em semanas: 15 Carga horária semanal Períodos

Leia mais

CURSO DE FARMÁCIA Reconhecido pela Portaria MEC nº 220 de , DOU de PLANO DE CURSO

CURSO DE FARMÁCIA Reconhecido pela Portaria MEC nº 220 de , DOU de PLANO DE CURSO CURSO DE FARMÁCIA Reconhecido pela Portaria MEC nº 220 de 01.11.12, DOU de 06.11.12 Componente Curricular: Fisiologia Humana Código: FAR - 308 Pré-requisito: Anatomia I Período Letivo: 2016.1 Professor:

Leia mais

A respiração pode ser interpretada como: - processo de trocas gasosas entre o organismo e o meio.

A respiração pode ser interpretada como: - processo de trocas gasosas entre o organismo e o meio. INTRODUÇÃO A respiração pode ser interpretada como: - processo de trocas gasosas entre o organismo e o meio. - conjunto de reações químicas do metabolismo energético (respiração celular). RESPIRAÇÃO CELULAR

Leia mais

Sistema Circulatório. Prof. JM

Sistema Circulatório. Prof. JM Sistema Circulatório Prof. JM Sistema Circulatório Integrar os sistemas. Transportar nutrientes, gases, excretas, hormônios, calor e anticorpos pelo corpo. Coagulação Sangue (tecido) Uma pessoa de cerca

Leia mais

setor 1403 Aulas 39 a 42

setor 1403 Aulas 39 a 42 setor 1403 14030509 14030509-SP Aulas 39 a 42 SISTEMAS DE TRANSPRTES NS ANIMAIS. TIPS DE CIRCULAÇÃ. A EVLUÇÃ D CRAÇÃ DS VERTEBRADS. CMPSIÇÃ E FUNÇÕES D SANGUE 1. SISTEMAS DE TRANSPRTE Promovem a circulação

Leia mais

Unidade II Cultura: A pluralidade na expressão humana.

Unidade II Cultura: A pluralidade na expressão humana. Unidade II Cultura: A pluralidade na expressão humana. Aula 7.1 Conteúdo: Corpo humano: circulação. Habilidade: Conhecer o coração e a função desse órgão; Entender a relação dos batimentos do coração com

Leia mais

LEIS GERAIS DA CIRCULAÇÃO E PROPRIEDADES DO CORAÇÃO

LEIS GERAIS DA CIRCULAÇÃO E PROPRIEDADES DO CORAÇÃO LEIS GERAIS DA CIRCULAÇÃO E PROPRIEDADES DO CORAÇÃO Mário Gomes Marques Instituto de Fisiologia da F.M.L. Director: Prof. Luis Silva-Carvalho CIRCULAÇÃO - Funções Transporte de oxigénio, nutrientes, hormonas

Leia mais

ORGANIZAÇÃO MORFOFUNCIONAL DO SISTEMA CARDIOVASCULAR

ORGANIZAÇÃO MORFOFUNCIONAL DO SISTEMA CARDIOVASCULAR ORGANIZAÇÃO MORFOFUNCIONAL DO SISTEMA CARDIOVASCULAR Introdução Cada seguimento do sistema circulatório tem uma estrutura histológica própria, e seu papel no processo geral da circulação é diferente. Termos

Leia mais

Filos: Poríferos Cnidários Platelmintos- Nematelmintos Anelídeos Moluscos Artrópodes - Equinodermos Cordatas. Professora Débora Biologia

Filos: Poríferos Cnidários Platelmintos- Nematelmintos Anelídeos Moluscos Artrópodes - Equinodermos Cordatas. Professora Débora Biologia Filos: Poríferos Cnidários Platelmintos- Nematelmintos Anelídeos Moluscos Artrópodes - Equinodermos Cordatas Professora Débora Biologia Filo Poríferos Esponjas Filo Poríferos Características São todas

Leia mais

SISTEMA CIRCULATÓRIO COMPARADO. PROFESSOR: João Paulo

SISTEMA CIRCULATÓRIO COMPARADO. PROFESSOR: João Paulo SISTEMA CIRCULATÓRIO COMPARADO PROFESSOR: João Paulo PORÍFEROS Não apresentam organização tissular. A difusão aparece como forma de trocar alimentos, gases respiratórios e excretas entre si e com o meio.

Leia mais

- CAPÍTULO 3 - O SISTEMA CARDIOVASCULAR. 3) ANATOMIA DO CORAÇÃO HUMANO - O coração é um órgão oco localizado no meio do peito, na cavidade torácica;

- CAPÍTULO 3 - O SISTEMA CARDIOVASCULAR. 3) ANATOMIA DO CORAÇÃO HUMANO - O coração é um órgão oco localizado no meio do peito, na cavidade torácica; - CAPÍTULO 3 - O SISTEMA CARDIOVASCULAR 1) FUNÇÕES DO SISTEMA CARDIOVASCULAR - Propulsão do sangue por todo o organismo; - Transporte de substâncias como o oxigênio (O 2 ), dióxido de carbono ou gás carbônico

Leia mais

Anatomia II. Coração e Vasos

Anatomia II. Coração e Vasos Anatomia II Coração e Vasos Mediastino O Mediastino é uma região central larga que separa as duas cavidades pleurais lateralmente colocadas. Estende-se: Do esterno aos corpos das vértebras; Da abertura

Leia mais

CIRCULAÇÕES ESPECIAIS

CIRCULAÇÕES ESPECIAIS Disciplina de Fisiologia Veterinária CIRCULAÇÕES ESPECIAIS Prof. Prof. Fabio Otero Ascoli DÉBITO CARDíACO e sua distribuição durante o repouso e o exercício Obs: Foram desenvolvidos sistemas sofisticados

Leia mais

FISIOLOGIA DO EXERCÍCIO

FISIOLOGIA DO EXERCÍCIO FISIOLOGIA DO EXERCÍCIO 1 Ventilação e metabolismo energético Equivalente ventilatório de oxigênio: Relação entre volume de ar ventilado (VaV) e a quantidade de oxigênio consumida pelos tecidos (VO2) indica

Leia mais

UFSC. Resposta: = 24. Comentário

UFSC. Resposta: = 24. Comentário Resposta: 08 + 16 = 24 01. Incorreta. Existem nítidas variações nos índices pluviométricos entre as quatro regiões. 02. Incorreta. Bagé apresenta a distribuição pluviométrica mais regular entre todas.

Leia mais