REGULAMENTO DE INTEGRALIZAÇÃO CURRICULAR PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "REGULAMENTO DE INTEGRALIZAÇÃO CURRICULAR PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU"

Transcrição

1 REGULAMENTO DE INTEGRALIZAÇÃO CURRICULAR PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU A melhor Escola de Negócios do Centro-Oeste Informações:

2 REGULAMENTO DE INTEGRALIZAÇÃO CURRICULAR PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU INTRODUÇÃO O presente documento, parte integrante do Regulamento do Aluno, também disponível no endereço eletrônico dispõe sobre as diretrizes para INTEGRALIZAÇÃO CURRICULAR, sendo complemento ao Contrato de Prestação de Serviços Educacionais da ALFA. Os cursos de Pós-Graduação da ALFA estão amparados pela RESOLUÇÃO N 1, DE 8 DE JUNHO DE 2007 e pela Portaria - MEC de credenciamento das Faculdades ALFA como Instituição de Ensino Superior nº 443 de 30/03/2000, publicado no D.O.U em 10/04/ INTEGRALIZAÇÃO CURRICULAR É de responsabilidade do aluno a integralização curricular do curso em que está matriculado. Os prazos para integralização do programa poderão ser alterados em caso de: reprovações, transferência de programa, com ou sem alteração de matriz curricular, ou ingresso por processo seletivo com aproveitamento de disciplinas. A Integralização Curricular da Pós-Graduação também é destinada a aluno reprovado em qualquer disciplina/ módulo de seu curso, por nota ou por frequência, e, portanto, não tenha cumprido integralmente todas as disciplinas de sua matriz curricular. Obs.: Considera-se integralização curricular a obtenção de carga horária total das disciplinas/atividades fixada no Currículo do Curso. Somente receberá o certificado o aluno que integralizar o Currículo do seu curso. 2. DA MATRIZ CURRICULAR Considera-se obrigatório o cumprimento da matriz curricular do curso de ingresso do aluno, incluindo disciplinas em que o aluno tenha sido reprovado, por nota e/ou frequência. Caso a matriz curricular do curso de ingresso não esteja vigente, seja por inexistência de turma corrente ou por atualização da matriz, o aluno deverá cumprir a nova matriz curricular, ou disciplinas equivalentes para conclusão de seu programa. As disciplinas pendentes, deverão ser cursadas até, no máximo, um ano após o término do ciclo da turma de ingresso do aluno, sob pena de o aluno ter que cursar período(s) adicional(is), para adaptação em nova matriz curricular vigente no semestre de solicitação de ingresso em disciplinas, até a integralização do curso. Em caso de não integralizar o curso nos prazos previstos, o aluno será Jubilado da Instituição. Nota: Entende-se por jubilamento o desligamento ou afastamento de aluno da Instituição de Ensino Superior, por ter ultrapassado o prazo máximo permitido para a conclusão do curso. É de responsabilidade do aluno a abertura de requerimento para cursar disciplinas pendentes e deverá ser efetivado o pedido na Central de Atendimento ao Aluno com pagamento de respectiva taxa de acordo com Resolução 19/2014. O aluno NÃO PODERÁ ser matriculado no TCPG Trabalho de Conclusão da Pós-Graduação, sem que tenha cursado as disciplinas de sua matriz curricular. 3. DO PROCESSO O aluno interessado em cursar módulos/disciplinas reprovadas ou não cursadas para a Integralização Curricular deverá solicitar formalmente, na Central de Atendimento ao Aluno, com tempo hábil para processamento da solicitação, de acordo com os prazos estabelecidos no Cronograma de Aulas do Programa de Pós-Graduação. 4. MODALIDADES DE INTEGRALIZAÇÃO CURRICULAR Há três formas de estudos para a Integralização Curricular. Cada uma das modalidades é analisada e indicada pela 2

3 Coordenação Acadêmica ao aluno, conforme possibilidade e disponibilidade da oferta no momento da solicitação. Os regimes de estudos para a Integralização Curricular devem seguir, obrigatoriamente, a ordem prioritária abaixo descrita: 4.1. DISCIPLINA REGULAR Considera-se disciplina regular a disciplina original da matriz curricular do programa de Pós-Graduação. Havendo disponibilidade de vagas e compatibilidade horária, o aluno poderá cursar a disciplina solicitada em outras turmas. Para esse regime de estudo, a disciplina indicada deverá possuir Ementa, Conteúdo e Carga Horária idênticas à disciplina pendente do aluno, seguindo critérios da Matriz Curricular e Plano de Ensino do curso de origem do aluno. O aluno, no caso de reprovação, pagará pela Disciplina Regular o valor correspondente à carga horária da(s) disciplina(s) no curso regular, valor disponível em Resolução específica sobre os Preços da Faculdade. Para aprovação na disciplina, o aluno deverá obter nota igual ou superior a 7,0 (sete) pontos e frequência mínima de 75% da carga horária da disciplina DISCIPLINA EQUIVALENTE Para indicação de Disciplina Equivalente, a Ementa e Conteúdo da disciplina indicada deverão ser equivalentes à disciplina solicitada, seguindo critérios da Matriz Curricular e Plano de Ensino do curso de origem do aluno. Os critérios de análises para indicação da nova disciplina devem seguir os seguintes parâmetros: I. Que seja equivalente a, no mínimo, 75% do Conteúdo previsto no Plano de Ensino da disciplina de origem; II. Que contenha, no mínimo, 75% da Carga Horária prevista para a disciplina na Matriz Curricular de origem do aluno. III. Cumprir atividade acadêmica definida pela coordenação de curso ou professor para cumprimento dos 25% de conteúdos e carga horária necessários à equivalência plena da disciplina, mediante abertura de Processo na Central de Atendimento ao Aluno. O aluno pagará pela Disciplina Equivalente o valor correspondente à carga horária da(s) disciplina(s) no curso regular. Para aprovação na disciplina, o aluno deverá obter nota igual ou superior a 7,0 (sete) pontos e frequência mínima de 75% da carga horária da disciplina REGIME DE ACOMPANHAMENTO Considera-se o regime de acompanhamento modalidade oferecida em caráter extraordinário e de exceção, para integralização da matriz curricular, uma vez que a(s) disciplina(s) pendente(s) para o aluno, não possua(m) nenhuma equivalente conforme descrito no item 4.2. Para cumprimento da disciplina em regime de acompanhamento, segue-se Ementa e o Conteúdo previsto na Matriz Curricular e Plano de Ensino do curso de origem do aluno, sendo designado um professor-orientador para acompanhamento das atividades programadas. As diretrizes gerais são: I. O Regime de Acompanhamento pode ser oferecido de forma individual ou coletiva nas disciplinas dos cursos de Pós-Graduação. II. Para andamento ao processo, será elaborado um Plano de Atividades que deverá ser integralmente cumprido pelo aluno. (Anexo I deste documento) O Regime de Acompanhamento será oferecido nas seguintes condições: III. Realização de encontros entre professor-orientador e aluno, de acordo com a carga horária da disciplina; IV. Quatro (04) encontros para orientação dos trabalhos necessários ao regime de acompanhamento, tais como: trabalhos escritos, estudos dirigidos, atividades e leituras compatíveis com a ementa da disciplina (Anexo I); V. Entrega de trabalhos e realização de avaliações pertinentes à disciplina. O Regime de Acompanhamento terá aplicação de avaliações pertinentes à disciplina que possam avaliar o aprendizado do aluno. VI. Para aprovação na disciplina em regime de acompanhamento, o aluno deverá obter nota igual ou superior a 7,0 (sete) pontos e frequência de 100% dos encontros. 3

4 Para requerer o Regime de Acompanhamento, o aluno deverá abrir processo na Central de Atendimento, mediante recolhimento de taxa, de acordo com a tabela de valores vigentes, quando o caso. O aluno pagará pelo Regime de Acompanhamento valor correspondente à carga horária da(s) disciplina(s) no curso regular, conforme Resolução específica para este fim. O aluno poderá requerer o Regime de Acompanhamento para até 03 (três) disciplinas no programa. Obs.: O Regime de acompanhamento NÃO SE APLICA às disciplinas de Metodologia Científica e Trabalho de Conclusão de Curso. 5. REGIME FINANCEIRO E MENSALIDADES Os boletos têm vencimento no dia 10 (dez) de cada mês, não sendo possível alteração na data dos mesmos. O mesmo prazo de vencimento aplica-se às disciplinas cursadas para cumprimento da matriz curricular do curso, em regime de reposição de disciplina reprovada (Disciplina Específica, Disciplina Equivalente ou Disciplina em Regime de Acompanhamento). Caso o pagamento seja efetuado após o vencimento, o aluno estará sujeito à cobrança de multa e juros devidos, conforme previstos no Contrato de Prestação de Serviços Educacionais. O Aluno fica ciente de que os boletos bancários estarão disponíveis pela internet, no endereço (área aluno) onde deverá retirar seu boleto para pagamento, não podendo o mesmo alegar qualquer atraso no pagamento em virtude de não recebimento de boleto bancário. A ALFA se reserva no direito de bloquear o acesso do Aluno nos casos de inadimplência suprir 60 (sessenta) dias. 6. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Os casos omissos serão resolvidos pela Diretoria de Pós-Graduação Lato Sensu da ALFA, devendo a deliberação tomada ser expressa por escrito. Este Regulamento entra em vigor na data de sua publicação para todos os cursos. Goiânia, 02 de Janeiro de 2016 Prof. Nelson de Carvalho Filho Diretor Superintendente Profª. Fabine Évelin Romão Pimentel Diretora Regional de Operações - GO Prof. Luis Antonio Vilalta Diretor de Pós-Graduação Latu Sensu 4

5 ANEXO I REGIME DE ACOMPANHAMENTO PLANO DE ATIVIDADES DISCENTE... MATRÍCULA... ANO... SEMESTRE... CURSO... DISCIPLINA... CARGA HORÁRIA... PROFESSOR(A)... No Regime de Acompanhamento, o Professor agendará até 04 encontros para orientação ao aluno. O encontro terá duração mínima de 1 (uma) hora e a quantidade será definida de acordo com a carga horária da disciplina: PLANO DE TRABALHO: Refere-se à orientação do Docente ao Discente em relação à produção acadêmica de trabalhos escritos, estudos, atividades e leituras, para composição da avaliação da disciplina. 5

6 ENCONTROS DESEMPENHO NAS AVALIAÇÕES No Regime de Acompanhamento, serão aplicadas avaliações, conforme planejamento do professor, respeitando as características da disciplina da modalidade presencial. FECHAMENTO DO PROCESSO O processo será fechado logo após a aplicação da(s) avaliação(ões), quando o professor encaminhará a documentação à Coordenação do curso. Assinatura Discente Assinatura Professor Média disciplina Data / / Validação das horas de orientação Data / / Finalização do processo A Secretaria fará a conferência dos documentos, lançamento das notas e arquivará o processo. Data / / Assinatura Secretaria 6

CENTRO EDUCACIONAL ALVES FARIA CONSELHO SUPERIOR DA FACULDADE ALFA AUTORIZADA PELA PORTARIA MEC Nº. 443 DE 30/03/2000

CENTRO EDUCACIONAL ALVES FARIA CONSELHO SUPERIOR DA FACULDADE ALFA AUTORIZADA PELA PORTARIA MEC Nº. 443 DE 30/03/2000 CENTRO EDUCACIONAL ALVES FARIA CONSELHO SUPERIOR DA FACULDADE ALFA AUTORIZADA PELA PORTARIA MEC Nº. 443 DE 30/03/2000 RESOLUÇÃO nº. 01/2013, de 02 de janeiro de 2013 Estabelece os procedimentos para o

Leia mais

CENTRO DE ENSINO NOSSA SENHORA DE FÁTIMA CONSELHO SUPERIOR DA FACULDADE AUTÔNOMA DE DIREITO CREDENCIADA PELA PORTARIA MEC Nº. 1.

CENTRO DE ENSINO NOSSA SENHORA DE FÁTIMA CONSELHO SUPERIOR DA FACULDADE AUTÔNOMA DE DIREITO CREDENCIADA PELA PORTARIA MEC Nº. 1. CENTRO DE ENSINO NOSSA SENHORA DE FÁTIMA CONSELHO SUPERIOR DA FACULDADE AUTÔNOMA DE DIREITO CREDENCIADA PELA PORTARIA MEC Nº. 1.358 DE 04/07/2001 RESOLUÇÃO nº 003/2016, de 31 de maio de 2016. Define e

Leia mais

REGIMENTO DE DEPENDÊNCIA E/OU ADAPTAÇÃO Faculdade Metropolitana São Carlos - FAMESC

REGIMENTO DE DEPENDÊNCIA E/OU ADAPTAÇÃO Faculdade Metropolitana São Carlos - FAMESC REGIMENTO DE DEPENDÊNCIA E/OU ADAPTAÇÃO Faculdade Metropolitana São Carlos - FAMESC Bom Jesus do Itabapoana Atualizado em 2017 REGIMENTO DE DEPENDÊNCIA E/OU ADAPTAÇÃO Art. 1º - O presente Regimento tem

Leia mais

EDITAL Nº 03/2016 ABERTURA DE INSCRIÇÕES AOS MÓDULOS DE NIVELAMENTO DA FACULDADE DE QUATRO MARCO - FQM

EDITAL Nº 03/2016 ABERTURA DE INSCRIÇÕES AOS MÓDULOS DE NIVELAMENTO DA FACULDADE DE QUATRO MARCO - FQM EDITAL Nº 03/2016 ABERTURA DE INSCRIÇÕES AOS MÓDULOS DE NIVELAMENTO DA FACULDADE DE QUATRO MARCO - FQM 1. ABERTURA A Faculdade de Quatro Marcos FQM, em São José dos Quatro Marcos MT, credenciada pela Portaria

Leia mais

RESOLUÇÃO CONSEPE N.º 15, DE 31 DE OUTUBRO DE 2014

RESOLUÇÃO CONSEPE N.º 15, DE 31 DE OUTUBRO DE 2014 RESOLUÇÃO CONSEPE N.º 15, DE 31 DE OUTUBRO DE 2014 Estabelece procedimentos para o Estudo Dirigido no âmbito das Faculdades Ponta Grossa. A Presidente do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão das Faculdades

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DO NORTE REITORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO DE PÓS GRADUAÇÃO REGULAMENTO GERAL DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

CENTRO UNIVERSITÁRIO DO NORTE REITORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO DE PÓS GRADUAÇÃO REGULAMENTO GERAL DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU CENTRO UNIVERSITÁRIO DO NORTE REITORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO DE PÓS GRADUAÇÃO REGULAMENTO GERAL DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Aprovado pelo CONSUNI Nº15 em 24/05/2016 ÍNDICE CAPITULO I Da Constituição,

Leia mais

REGIMENTO DE DEPENDÊNCIA Faculdade Metropolitana São Carlos - FAMESC

REGIMENTO DE DEPENDÊNCIA Faculdade Metropolitana São Carlos - FAMESC REGIMENTO DE DEPENDÊNCIA Faculdade Metropolitana São Carlos - FAMESC Bom Jesus do Itabapoana RJ Atualizado em 2017 REGIMENTO DE DEPENDÊNCIA Art. 1º - O presente Regimento tem por finalidade estabelecer

Leia mais

R E S O L U Ç Ã O Nº 011/2010-CEP O CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO APROVOU E EU, REITOR, SANCIONO A SEGUINTE RESOLUÇÃO:

R E S O L U Ç Ã O Nº 011/2010-CEP O CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO APROVOU E EU, REITOR, SANCIONO A SEGUINTE RESOLUÇÃO: R E S O L U Ç Ã O Nº 011/2010-CEP CERTIDÃO Certifico que a presente resolução foi afixada em local de costume, nesta Reitoria, no dia 24/8/2010. Isac Ferreira Lopes, Secretário. Aprova Normas para Renovação

Leia mais

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE GOIÁS FACULDADE LIONS. O Diretor Geral e a Diretora Acadêmica da Faculdade Lions, no uso de suas atribuições,

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE GOIÁS FACULDADE LIONS. O Diretor Geral e a Diretora Acadêmica da Faculdade Lions, no uso de suas atribuições, FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE GOIÁS FACULDADE LIONS Instrução normativa 28/2016, de 20 de junho de 2016 Estabelece as diretrizes gerais para a realização de trabalhos acadêmicos para complementação de conteúdo

Leia mais

FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS PROCESSO SELETIVO AO PROGRAMA DE DUPLA GRADUAÇÃO 2º SEMESTRE DE 2017

FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS PROCESSO SELETIVO AO PROGRAMA DE DUPLA GRADUAÇÃO 2º SEMESTRE DE 2017 FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS PROCESSO SELETIVO AO PROGRAMA DE DUPLA GRADUAÇÃO 2º SEMESTRE DE 2017 A Fundação Getulio Vargas realiza a abertura das inscrições para o Processo Seletivo ao Programa de Dupla Graduação

Leia mais

Regulamento para as Atividades Complementares REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE MECATRÔNICA INDUSTRIAL

Regulamento para as Atividades Complementares REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE MECATRÔNICA INDUSTRIAL Regulamento para as Atividades Complementares REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE MECATRÔNICA INDUSTRIAL Das Atividades Complementares Art. 1º O Colegiado de cursos definirá as atividades

Leia mais

U n i v e r s i d a d e Es t a d u a l d e M a r i n g á

U n i v e r s i d a d e Es t a d u a l d e M a r i n g á R E S O L U Ç Ã O Nº 022/2012-CEP CERTIDÃO Certifico que a presente resolução foi afixada em local de costume, nesta Reitoria, no dia 4/10/2012. Isac Ferreira Lopes, Secretário. Aprova Normas para Renovação

Leia mais

EDITAL FATEC SÃO ROQUE Nº 01/2014 DE 12 DE MAIO DE 2014

EDITAL FATEC SÃO ROQUE Nº 01/2014 DE 12 DE MAIO DE 2014 EDITAL FATEC SÃO ROQUE Nº 01/2014 DE 12 DE MAIO DE 2014 O Diretor da Faculdade de Tecnologia de São Roque no uso de suas atribuições legais torna público que estão abertas as inscrições para participação

Leia mais

REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU CAPITULO I Das considerações preliminares Art. 1 - Este regulamento disciplina os processos de planejamento, elaboração, execução e avaliação dos cursos

Leia mais

EDITAL DE TRANSFERÊNCIA FATEC TAUBATÉ Nº. 01/2016 DE 01 DE JUNHO DE REMANEJAMENTO ENTRE FATEC s

EDITAL DE TRANSFERÊNCIA FATEC TAUBATÉ Nº. 01/2016 DE 01 DE JUNHO DE REMANEJAMENTO ENTRE FATEC s EDITAL DE TRANSFERÊNCIA FATEC TAUBATÉ Nº. 01/2016 DE 01 DE JUNHO DE 2016. REMANEJAMENTO ENTRE FATEC s O Diretor da, no uso de suas atribuições legais, faz saber que serão abertas as inscrições para participação

Leia mais

Fatec Ipiranga Das margens plácidas o compromisso com o desenvolvimento humano e tecnológico

Fatec Ipiranga Das margens plácidas o compromisso com o desenvolvimento humano e tecnológico EDITAL FATEC IPIRANGA N.º 02 / 2013 DE 01 DE OUTUBRO DE 2013. O Diretor da Faculdade de Tecnologia do Ipiranga FATEC IPIRANGA, no uso de suas atribuições legais, faz saber que serão abertas as inscrições

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº CEPE

RESOLUÇÃO Nº CEPE RESOLUÇÃO Nº 18-16-CEPE ALTERA REGULAMENTO DOS CURSOS LATO SENSU DA UNIVERSIDADE DE CAXIAS DO SUL, APROVADO PELA RESOLUÇÃO Nº 23-07-CEPE, COM ALTERAÇÕES INTRODUZIDAS PELAS RESOLUÇOES Nº 58-12, 36-13 E

Leia mais

RESOLUÇÃO R E S O L V E: Capítulo I. Disposições preliminares

RESOLUÇÃO R E S O L V E: Capítulo I. Disposições preliminares O Presidente do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão-CONSEPE da Faculdade Cathedral no uso de suas atribuições legais. CONSIDERANDO a decisão do Plenário, em sessão Ordinária realizada no dia 10 de

Leia mais

EDITAL Nº. 006/2017 PROCESSO SELETIVO 2017/2 VAGAS REMANESCENTES TRANSFERÊNCIA EXTERNA E PORTADOR DE DIPLOMA

EDITAL Nº. 006/2017 PROCESSO SELETIVO 2017/2 VAGAS REMANESCENTES TRANSFERÊNCIA EXTERNA E PORTADOR DE DIPLOMA EDITAL Nº. 006/17 PROCESSO SELETIVO 17/2 VAGAS REMANESCENTES TRANSFERÊNCIA EXTERNA E PORTADOR DE DIPLOMA O Reitor do UNIALFA Centro Universitário Alves Faria, no uso de suas atribuições regimentais e em

Leia mais

Fatec Ipiranga EDITAL DE TRANSFERÊNCIA EXTERNA - FATEC IPIRANGA N.º 06/ 2015 DE 09 DE NOVEMBRO DE 2015.

Fatec Ipiranga EDITAL DE TRANSFERÊNCIA EXTERNA - FATEC IPIRANGA N.º 06/ 2015 DE 09 DE NOVEMBRO DE 2015. EDITAL DE TRANSFERÊNCIA EXTERNA - FATEC IPIRANGA N.º 06/ 2015 DE 09 DE NOVEMBRO DE 2015. O Diretor da Faculdade de Tecnologia do Ipiranga FATEC IPIRANGA, no uso de suas atribuições legais, faz saber que

Leia mais

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DOS CAMPOS GERAIS

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DOS CAMPOS GERAIS CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DOS CAMPOS GERAIS FACULDADES INTEGRADAS DOS CAMPOS GERAIS RESOLUÇÃO CSA N o 020/2016 O Diretor Acadêmico e o Diretor Administrativo das Faculdades Integradas dos Campos Gerais,

Leia mais

Universidade Federal do Oeste do Pará PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA

Universidade Federal do Oeste do Pará PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA Universidade Federal do Oeste do Pará PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA 1. Quais são os requisitos para obtenção de bolsa monitoria? a) o discente deve estar regularmente matriculado no período letivo em

Leia mais

EDITAL DE MATRÍCULA 1º Semestre Letivo de 2017 (ALUNOS VETERANOS)

EDITAL DE MATRÍCULA 1º Semestre Letivo de 2017 (ALUNOS VETERANOS) EDITAL DE MATRÍCULA 1º Semestre Letivo de 2017 (ALUNOS VETERANOS) 1. DA MATRÍCULA PRÉVIA OBRIGATÓRIA: 1.1. A Matrícula Prévia Obrigatória dos alunos veteranos, dos cursos de graduação ofertados em regime

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI ROBERTO MANGE

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI ROBERTO MANGE FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI ROBERTO MANGE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU REGULAMENTO DO OBJETIVO Art. 1.º Os cursos de pós-graduação lato sensu do SENAI de São Paulo, obedecem o que dispõe a Resolução CNE/CES

Leia mais

EDITAL/DEN/PROPE/UNIFIMES N 002/2017-1

EDITAL/DEN/PROPE/UNIFIMES N 002/2017-1 EDITAL/DEN/PROPE/UNIFIMES N 002/2017-1 A Diretoria de Ensino, em consonância com a Pró-Reitoria de Ensino, Pesquisa e Extensão, do Centro Universitário de Mineiros, mantido pela Fundação Integrada Municipal

Leia mais

VALORES DE REQUERIMENTOS

VALORES DE REQUERIMENTOS oferecido Assinatura de Termo de Compromisso Estágio Antecipação de pagamento do curso ou do semestre Aproveitamento de estudos Externo Aproveitamento de Estudos Interno Boletim de notas Autenticado Cancelamento

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO DIREITO EMPRESARIAL 1º Semestre de 2018

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO DIREITO EMPRESARIAL 1º Semestre de 2018 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO DIREITO EMPRESARIAL 1º Semestre de 2018 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as normas para inscrição

Leia mais

Sociedade Brasileira de Matemática. Regimento do Mestrado Profissional em Matemática em Rede Nacional- PROFMAT CAPÍTULO II DA NATUREZA E OBJETIVOS

Sociedade Brasileira de Matemática. Regimento do Mestrado Profissional em Matemática em Rede Nacional- PROFMAT CAPÍTULO II DA NATUREZA E OBJETIVOS Sociedade Brasileira de Matemática Regimento do Mestrado Profissional em Matemática em Rede Nacional- PROFMAT CAPÍTULO I DA NATUREZA E OBJETIVOS Art. 1 ⁰ O Mestrado Profissional em Matemática em Rede Nacional

Leia mais

Departamento Regional de São Paulo. Vicente de Azevedo. Regulamento do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu de Motores de Combustão Interna

Departamento Regional de São Paulo. Vicente de Azevedo. Regulamento do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu de Motores de Combustão Interna [Digite uma citação do documento ou o resumo de um ponto interessante. Você pode posicionar a caixa de texto em qualquer lugar do documento. Use a guia Ferramentas de Desenho para alterar a formatação

Leia mais

1.1. As vagas listadas no Anexo I do presente Edital serão disponibilizadas para ingresso no 2º semestre letivo de 2016.

1.1. As vagas listadas no Anexo I do presente Edital serão disponibilizadas para ingresso no 2º semestre letivo de 2016. UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO EDITAL PROGRAD nº 04, de 5 de julho de 2016 PROCESSO DE SELETIVO DISCENTE MUDANÇA DE CURSO A UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO

Leia mais

Faculdade de Biociências Programa de Pós-Graduação em Biologia Celular e Molecular. Regulamento

Faculdade de Biociências Programa de Pós-Graduação em Biologia Celular e Molecular. Regulamento Faculdade de Biociências Programa de Pós-Graduação em Biologia Celular e Molecular Capítulo I Da Atribuição e Organização Geral Regulamento Art. 1 - O Programa de Pós-Graduação em Biologia Celular e Molecular

Leia mais

Sociedade Brasileira de Matemática. Regimento do Mestrado Profissional em Matemática em Rede Nacional- PROFMAT CAPÍTULO I DA NATUREZA E OBJETIVOS

Sociedade Brasileira de Matemática. Regimento do Mestrado Profissional em Matemática em Rede Nacional- PROFMAT CAPÍTULO I DA NATUREZA E OBJETIVOS Sociedade Brasileira de Matemática Regimento do Mestrado Profissional em Matemática em Rede Nacional- PROFMAT CAPÍTULO I DA NATUREZA E OBJETIVOS Art. 1⁰ O Mestrado Profissional em Matemática em Rede Nacional

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 154/2005-CEPE/UNICENTRO

RESOLUÇÃO Nº 154/2005-CEPE/UNICENTRO RESOLUÇÃO Nº 154/2005-CEPE/UNICENTRO Aprova o Regulamento de Criação, Organização e Funcionamento de Cursos, Programas e Disciplinas ofertados a Distância, na Universidade Estadual do Centro-Oeste, UNICENTRO.

Leia mais

SOCIEDADE EDUCACIONAL CAPIVARI DE BAIXO - SECAB FACULDADE CAPIVARI - FUCAP REGULAMENTO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU (EM NÍVEL DE ESPECIALIZAÇÃO)

SOCIEDADE EDUCACIONAL CAPIVARI DE BAIXO - SECAB FACULDADE CAPIVARI - FUCAP REGULAMENTO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU (EM NÍVEL DE ESPECIALIZAÇÃO) SOCIEDADE EDUCACIONAL CAPIVARI DE BAIXO - SECAB FACULDADE CAPIVARI - FUCAP REGULAMENTO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU (EM NÍVEL DE ESPECIALIZAÇÃO) Capivari de Baixo (SC), dezembro de 2014. CAPITULO I Da Criação

Leia mais

EDITAL DE OFERTA DE VAGAS PARA O CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM MÉTODOS E TÉCNICAS DE ENSINO EDUCAÇÃO BÁSICA NA MODALIDADE a DISTÂNCIA

EDITAL DE OFERTA DE VAGAS PARA O CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM MÉTODOS E TÉCNICAS DE ENSINO EDUCAÇÃO BÁSICA NA MODALIDADE a DISTÂNCIA EDITAL DE OFERTA DE VAGAS PARA O CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM MÉTODOS E TÉCNICAS DE ENSINO EDUCAÇÃO BÁSICA NA MODALIDADE a DISTÂNCIA O Centro Universitário Adventista de São Paulo UNASP, Recredenciado

Leia mais

RESOLUÇÃO CEPE Nº 001/12

RESOLUÇÃO CEPE Nº 001/12 RESOLUÇÃO CEPE Nº 001/12 Aprovar Regulamento de Atividade Complementar da FAP. CONSIDERANDO a importância de manter um regulamento comum para todos os cursos da FAP; CONSIDERANDO a Aprovação pelo Conselho

Leia mais

Fatec Ipiranga - Pastor Enéas Tognini

Fatec Ipiranga - Pastor Enéas Tognini EDITAL DE TRANSFERÊNCIA EXTERNA - FATEC IPIRANGA N.º 03 / 2017 DE 23 DE MAIO DE 2017. VAGAS REMANESCENTES PARA TRANSFERÊNCIA EXTERNA E PORTADOR DE DIPLOMA DE ENSINO SUPERIOR. O Diretor da Faculdade de

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA CIVIL E AMBIENTAL

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA CIVIL E AMBIENTAL REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA CIVIL E AMBIENTAL Resolução UNESP nº 02, de 11 de janeiro de 2016 Aprova o Regulamento do Programa de Pós-graduação em Engenharia Civil e Ambiental,

Leia mais

UNIABEU CENTRO UNIVERSITÁRIO EDITAL DE 28 DE MARÇO DE 2013 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO POR TRANSFERÊNCIA EXTERNA

UNIABEU CENTRO UNIVERSITÁRIO EDITAL DE 28 DE MARÇO DE 2013 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO POR TRANSFERÊNCIA EXTERNA UNIABEU CENTRO UNIVERSITÁRIO EDITAL DE 28 DE MARÇO DE 2013 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO POR TRANSFERÊNCIA EXTERNA 2013-2 O Reitor do UNIABEU Centro Universitário, no uso de suas atribuições

Leia mais

CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO (CEPE) REUNIÃO DE 08 DE SETEMBRO DE 2009

CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO (CEPE) REUNIÃO DE 08 DE SETEMBRO DE 2009 CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO (CEPE) REUNIÃO DE 08 DE SETEMBRO DE 2009 INTERESSADO: Diretoria de Ensino ASSUNTO: REGULAMENTAÇÃO Alteração de Regulamentação de procedimentos operativos do processo

Leia mais

RESOLUÇÃO N XXX, DE xx DE NOVEMBRO DE 2017.

RESOLUÇÃO N XXX, DE xx DE NOVEMBRO DE 2017. RESOLUÇÃO N XXX, DE xx DE NOVEMBRO DE 2017. O CONSELHO DE GRADUAÇÃO da Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, no uso de suas atribuições legais, resolve: Art. 1º Estabelecer as Normas para

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA GESTÃO ESTRATÉGICA EM SEGUROS 1º Semestre de 2017

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA GESTÃO ESTRATÉGICA EM SEGUROS 1º Semestre de 2017 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA GESTÃO ESTRATÉGICA EM SEGUROS 1º Semestre de 2017 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as normas

Leia mais

COORDENAÇÃO DO CURSO DE C.S.T. EM PROCESSOS QUÍMICOS PORTARIA NORMATIVA Nº 1, 14 DE SETEMBRO DE 2009

COORDENAÇÃO DO CURSO DE C.S.T. EM PROCESSOS QUÍMICOS PORTARIA NORMATIVA Nº 1, 14 DE SETEMBRO DE 2009 COORDENAÇÃO DO CURSO DE C.S.T. EM PROCESSOS QUÍMICOS PORTARIA NORMATIVA Nº 1, 14 DE SETEMBRO DE 2009 Institui as normas e as atividades aprovadas para o aproveitamento de carga horária para compor atividades

Leia mais

Fatec Ipiranga EDITAL DE TRANSFERÊNCIA EXTERNA - FATEC IPIRANGA N.º 07/ 2016 DE 25 DE JULHO DE 2016.

Fatec Ipiranga EDITAL DE TRANSFERÊNCIA EXTERNA - FATEC IPIRANGA N.º 07/ 2016 DE 25 DE JULHO DE 2016. EDITAL DE TRANSFERÊNCIA EXTERNA - FATEC IPIRANGA N.º 07/ 2016 DE 25 DE JULHO DE 2016. O Diretor da Faculdade de Tecnologia do Ipiranga FATEC IPIRANGA, no uso de suas atribuições legais, faz saber que serão

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM GESTÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO 2º Semestre de 2017

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM GESTÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO 2º Semestre de 2017 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM GESTÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO 2º Semestre de 2017 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as

Leia mais

COORDENAÇÃO DO CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO REGULAMENTO PARA TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO

COORDENAÇÃO DO CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO REGULAMENTO PARA TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO COORDENAÇÃO DO CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO REGULAMENTO PARA TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO Institui as normas para a realização do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) e as condições de aproveitamento,

Leia mais

SOLICITAÇÕES DE 24/06/2015 a 24/08/2015 (TAXA - R$ 17,00)

SOLICITAÇÕES DE 24/06/2015 a 24/08/2015 (TAXA - R$ 17,00) APROVEITAMENTO DE ESTUDOS 2015/2 SOLICITAÇÕES DE 24/06/2015 a 24/08/2015 (TAXA - R$ 17,00) Informativo GR nº 003/2015, de 23/06/2015. ATENÇÃO! ESTE INFORMATIVO CONTÉM TODAS AS ORIENTAÇÕES E PROCEDIMENTOS

Leia mais

P O R T A R I A. Curitiba, 22 de janeiro de André Luís Gontijo Resende Pró-Reitor de Ensino, Pesquisa e Extensão FAE CENTRO UNIVERSITÁRIO

P O R T A R I A. Curitiba, 22 de janeiro de André Luís Gontijo Resende Pró-Reitor de Ensino, Pesquisa e Extensão FAE CENTRO UNIVERSITÁRIO PORTARIA PROEPE N.º 31/2014 APROVA O REGULAMENTO PARA AS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE DIREITO, BACHARELADO, MATRIZ CURRICULAR 2013, DA FAE CENTRO UNIVERSITÁRIO. O Pró-Reitor de Ensino, Pesquisa

Leia mais

SALTO. Errata FACULDADE SANT ANNA DE SALTO

SALTO. Errata FACULDADE SANT ANNA DE SALTO SALTO Errata FACULDADE SANT ANNA DE SALTO EDITAL DE MATRÍCULA PARA OS CURSOS DE DEPENDÊNCIA OU ADAPTAÇÃO NOS HORÁRIOS DA GRADUAÇÃO DURANTE A SEMANA NO PRIMEIRO SEMESTRE LETIVO DE 2012 O Professor Raul

Leia mais

2º A monitoria remunerada por bolsa não gera nenhum vínculo empregatício entre o IFPE e o estudante.

2º A monitoria remunerada por bolsa não gera nenhum vínculo empregatício entre o IFPE e o estudante. 2º A monitoria remunerada por bolsa não gera nenhum vínculo empregatício entre o IFPE e o estudante. 3º O estudante-monitor deverá assinar um Termo de Compromisso específico à atividade de monitoria. Art.4º

Leia mais

Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul FACULDADE DE ODONTOLOGIA PÓS-GRADUAÇÃO REGULAMENTO

Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul FACULDADE DE ODONTOLOGIA PÓS-GRADUAÇÃO REGULAMENTO Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul FACULDADE DE ODONTOLOGIA PÓS-GRADUAÇÃO REGULAMENTO Capítulo I Da Atribuição e Organização Geral Art. 1 - O Programa de Pós-Graduação em Odontologia,

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA INSTITUCIONAL 1º Semestre de 2017

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA INSTITUCIONAL 1º Semestre de 2017 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA INSTITUCIONAL 1º Semestre de 2017 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as normas para

Leia mais

EDITAL FATECSOROCABA Nº 01/2017 DE 15 DE MAIO DE 2017.

EDITAL FATECSOROCABA Nº 01/2017 DE 15 DE MAIO DE 2017. EDITAL FATECSOROCABA Nº 01/2017 DE 15 DE MAIO DE 2017. O Diretor da Faculdade de Tecnologia de Sorocaba no uso de suas atribuições legais torna público que estão abertas as inscrições para participação

Leia mais

TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES GERAIS

TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES GERAIS UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA CAMPUS DE RIO PARANAÍBA COORDENAÇÃO DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Campus Universitário - Caixa Postal 22 - Rio Paranaíba - MG - 38810-000 REGULAMENTO N. 1, DE 8 DE AGOSTO

Leia mais

SOLICITAÇÕES DE 12/12/2014 a 13/03/2015 (TAXA - R$ 17,00)

SOLICITAÇÕES DE 12/12/2014 a 13/03/2015 (TAXA - R$ 17,00) APROVEITAMENTO DE ESTUDOS 2015/1 SOLICITAÇÕES DE 12/12/2014 a 13/03/2015 (TAXA - R$ 17,00) Informativo GR nº 001/2014 ATENÇÃO! ESTE INFORMATIVO CONTÉM TODAS AS ORIENTAÇÕES E PROCEDIMENTOS NECESSÁRIOS PARA

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MOTORES DE COMBUSTÃO INTERNA EAD 1º Semestre de 2018

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MOTORES DE COMBUSTÃO INTERNA EAD 1º Semestre de 2018 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MOTORES DE COMBUSTÃO INTERNA EAD 1º Semestre de 2018 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as normas para

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 009/2013 CONSEPE (Revogada pela Resolução 005/2014 CONSEPE)

RESOLUÇÃO Nº 009/2013 CONSEPE (Revogada pela Resolução 005/2014 CONSEPE) RESOLUÇÃO Nº 009/2013 CONSEPE (Revogada pela Resolução 005/2014 CONSEPE) Dispõe sobre os procedimentos para a matrícula de acadêmicos nos cursos de graduação a UDESC. O Presidente do Conselho de Ensino,

Leia mais

SOCIEDADE PIAUIENSE DE ENSINO SUPERIOR I N S T I T U T O C A M I L L O F I L H O D I R E T O R I A G E R A L

SOCIEDADE PIAUIENSE DE ENSINO SUPERIOR I N S T I T U T O C A M I L L O F I L H O D I R E T O R I A G E R A L SOCIEDADE PIAUIENSE DE ENSINO SUPERIOR I N S T I T U T O C A M I L L O F I L H O D I R E T O R I A G E R A L PORTARIA Nº 24/2002 Regulamenta as atividades de monitoria. O DIRETOR GERAL DO INSTITUTO DE

Leia mais

Faculdade de Medicina Programa de Pós-Graduação em Medicina e Ciências da Saúde Regulamento

Faculdade de Medicina Programa de Pós-Graduação em Medicina e Ciências da Saúde Regulamento Faculdade de Medicina Programa de Pós-Graduação em Medicina e Ciências da Saúde Regulamento Capítulo I Da Atribuição e Organização Geral Art. 1 - O Programa de Pós-Graduação em Medicina e Ciências da Saúde

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA INTERUNIDADES DE PÓS- GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UNESP

REGULAMENTO DO PROGRAMA INTERUNIDADES DE PÓS- GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UNESP REGULAMENTO DO PROGRAMA INTERUNIDADES DE PÓS- GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO DA UNESP Aprova o Regulamento do Programa de Pós-Graduação em Ciência da Computação (PPGCC), Curso:Mestrado, interunidades,

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO RELAÇÕES INTERNACIONAIS EAD 1º Semestre de 2017

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO RELAÇÕES INTERNACIONAIS EAD 1º Semestre de 2017 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO RELAÇÕES INTERNACIONAIS EAD 1º Semestre de 2017 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as normas para inscrição

Leia mais

Resolução UNESP nº 29, de 28/03/2014

Resolução UNESP nº 29, de 28/03/2014 Resolução UNESP nº 29, de 28/03/2014 Aprova o Regulamento do Programa de Pós-graduação em Biotecnologia Animal, Cursos de Mestrado Acadêmico e Doutorado, da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM GESTÃO DE MARKETING EAD 2º Semestre de 2017

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM GESTÃO DE MARKETING EAD 2º Semestre de 2017 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM GESTÃO DE MARKETING EAD 2º Semestre de 2017 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as normas para

Leia mais

CAPÍTULO I DA CONSTITUIÇÃO E INSCRIÇÃO. Parágrafo Único Somente poderá inscrever-se no Estágio, aluno regularmente matriculado.

CAPÍTULO I DA CONSTITUIÇÃO E INSCRIÇÃO. Parágrafo Único Somente poderá inscrever-se no Estágio, aluno regularmente matriculado. REGULAMENTO GERAL DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO CAPÍTULO I DA CONSTITUIÇÃO E INSCRIÇÃO Artigo 1º - O Estágio Supervisionado, dos Cursos de Graduação, de caráter de iniciação à prática profissional, nos termos

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES GERAIS

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES GERAIS REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CAPÍTULO I CONSIDERAÇÕES GERAIS Art. 1º - Este Regulamento visa normatizar as Atividades Complementares do Curso de História. Parágrafo único As Atividades Complementares

Leia mais

REGULAMENTO GERAL PARA CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

REGULAMENTO GERAL PARA CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES REGULAMENTO GERAL PARA CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º Os cursos de pós-graduação lato sensu do Centro Universitário Ritter dos Reis/UniRitter orientam-se

Leia mais

REGULAMENTO INTEGRALIZAÇÃO DE DISCIPLINAS EM CARÁTER ESPECIAL

REGULAMENTO INTEGRALIZAÇÃO DE DISCIPLINAS EM CARÁTER ESPECIAL REGULAMENTO INTEGRALIZAÇÃO DE DISCIPLINAS EM CARÁTER ESPECIAL Recife / PE, 2013 Institui as normas para integralização de disciplinas dos cursos de graduação em caráter especial CAPÍTULO I - DAS NORMAS

Leia mais

UNIVERSIDADE CIDADE DE SÃO PAULO - UNICID CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA PROCESSO SELETIVO PARA TRANSFERÊNCIA ANO LETIVO 2017 EDITAL DE INSCRIÇÃO

UNIVERSIDADE CIDADE DE SÃO PAULO - UNICID CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA PROCESSO SELETIVO PARA TRANSFERÊNCIA ANO LETIVO 2017 EDITAL DE INSCRIÇÃO UNIVERSIDADE CIDADE DE SÃO PAULO - UNICID CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA PROCESSO SELETIVO PARA TRANSFERÊNCIA ANO LETIVO 2017 EDITAL DE INSCRIÇÃO A Coordenação do Curso de Medicina da Universidade de São

Leia mais

NORMA COMPLEMENTAR 0 3 /

NORMA COMPLEMENTAR 0 3 / NORMA COMPLEMENTAR 0 3 / 2 0 1 5 Regulamenta a aplicação da Portaria FATEC-SP nº 08, de 15 de dezembro de 2011, para o Curso Superior de Tecnologia da Construção Civil, Modalidade Edifícios. O Presidente

Leia mais

COMUNICADO 055/2017 CRA

COMUNICADO 055/2017 CRA COMUNICADO 055/2017 CRA ALTERAÇÃO NO PERÍODO DE SOLICITAÇÃO DO APROVEITAMENTO DE ESTUDOS DE DISCIPLINAS CURSADAS ANTERIORMENTE, EXCLUSIVAMENTE, PARA OS ALUNOS INGRESSANTES DOS CURSOS SUPERIORES E TÉCNICOS

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA DA ZONA LESTE

FACULDADE DE TECNOLOGIA DA ZONA LESTE Obs.: Período de inscrições 30/05/16 a 10/06/2016 (exceto 04 e 05/06/16), no horário das 15h30 às 17h30h e 18h30 as 20h30. EDITAL FATEC DA ZONA LESTE Nº. 05/2016 de 25 de maio de 2016. O Diretor da Faculdade

Leia mais

EDITAL DE TRANSFERÊNCIA FATEC TAUBATÉ Nº. 02/2016, DE 01 DE JUNHO DE VAGAS REMANESCENTES PARA RETORNO DE EGRESSOS DE FATEC s

EDITAL DE TRANSFERÊNCIA FATEC TAUBATÉ Nº. 02/2016, DE 01 DE JUNHO DE VAGAS REMANESCENTES PARA RETORNO DE EGRESSOS DE FATEC s EDITAL DE TRANSFERÊNCIA FATEC TAUBATÉ Nº. 02/2016, DE 01 DE JUNHO DE 2016. VAGAS REMANESCENTES PARA RETORNO DE EGRESSOS DE FATEC s O Diretor da, no uso de suas atribuições legais, faz saber que serão abertas

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM COMUNICAÇÃO CORPORATIVA INTEGRADA 1º Semestre de 2018

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM COMUNICAÇÃO CORPORATIVA INTEGRADA 1º Semestre de 2018 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM COMUNICAÇÃO CORPORATIVA INTEGRADA 1º Semestre de 2018 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as

Leia mais

CURSO: PROGRAMA ESPECIAL DE FORMAÇÃO PEDAGÓGICA DE DOCENTES EM FILOSOFIA PARA O ENSINO MÉDIO - A DISTÂNCIA

CURSO: PROGRAMA ESPECIAL DE FORMAÇÃO PEDAGÓGICA DE DOCENTES EM FILOSOFIA PARA O ENSINO MÉDIO - A DISTÂNCIA A Secretária Geral de Ensino, da Universidade do Sul de Santa Catarina - Unisul, considerando a legislação em vigor e no uso de suas atribuições, torna público o Edital de Resultados e Orientações para

Leia mais

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DOS CAMPOS GERAIS

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DOS CAMPOS GERAIS CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DOS CAMPOS GERAIS FACULDADES INTEGRADAS DOS CAMPOS GERAIS RESOLUÇÃO CSA N o 006/2016 O Diretor Acadêmico e o Diretor Administrativo das Faculdades Integradas dos Campos Gerais,

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO DO CURSO DE ENGENHARIA DE COMPUTAÇÃO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

REGULAMENTO DE ESTÁGIO DO CURSO DE ENGENHARIA DE COMPUTAÇÃO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES REGULAMENTO DE ESTÁGIO DO CURSO DE ENGENHARIA DE COMPUTAÇÃO CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES O presente Regulamento de Estágios visa disciplinar os estágios do curso de Engenharia da Computação,

Leia mais

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM COMERCIAL FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC AMAZONAS REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM COMERCIAL FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC AMAZONAS REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM COMERCIAL FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC AMAZONAS REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES Manaus-AM 2017 Regulamento de Atividades Complementares Para os formandos nos

Leia mais

b. Comprovante de regularidade de matrícula em nível superior na instituição de origem (original); c. Histórico Escolar do curso de origem contendo ca

b. Comprovante de regularidade de matrícula em nível superior na instituição de origem (original); c. Histórico Escolar do curso de origem contendo ca EDITAL FATEC MAUÁ Nº. 01/2017 de 25 de novembro de 2016. O Diretor da Fatec-Mauá - Faculdade de Tecnologia de Mauá, no uso de suas atribuições legais, faz saber que estão abertas inscrições para participação

Leia mais

PROF. DR. MARCIO DE MORAES REITOR

PROF. DR. MARCIO DE MORAES REITOR RESOLUÇÃO CONSUN Nº 06/2014 Aprova Edital do Processo Seletivo do Programa de integralização de créditos para a conclusão do Curso Superior de Teologia 2º semestre de 2014 na modalidade a distância O Conselho

Leia mais

ATO NORMATIVO DA DIREÇÃO GERAL - 02/2017. O DIRETOR GERAL DA FACULDADE PESBITERIANA MACKENZIE RIO, no uso de suas atribuições regimentais,

ATO NORMATIVO DA DIREÇÃO GERAL - 02/2017. O DIRETOR GERAL DA FACULDADE PESBITERIANA MACKENZIE RIO, no uso de suas atribuições regimentais, ATO NORMATIVO DA DIREÇÃO GERAL - 02/2017 Informa e orienta a comunidade acadêmica quanto à Estrutura dos Cursos, Regime Escolar, Avaliação do Desempenho e Matrículas nos cursos de Graduação para 2017.2.

Leia mais

REGULAMENTO DA CAMPANHA PROJETO DE CONCESSÕES DE BOLSAS FACEMP 2016/2

REGULAMENTO DA CAMPANHA PROJETO DE CONCESSÕES DE BOLSAS FACEMP 2016/2 REGULAMENTO DA CAMPANHA PROJETO DE CONCESSÕES DE BOLSAS FACEMP 2016/2 Santo Antônio de Jesus (BA) 2016 1 REGULAMENTO DO PROJETO DE CONCESSÃO DE BOLSAS FACEMP 2016/2 1 - Objetivo Visando atender o contexto

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA A 8ª TURMA DE ALUNOS REGULARES DO MESTRADO ACADÊMICO EM EDUCAÇÃO

PROCESSO SELETIVO PARA A 8ª TURMA DE ALUNOS REGULARES DO MESTRADO ACADÊMICO EM EDUCAÇÃO EDITAL Nº 68/2016 DA PRÓ-REITORIA DE PROCESSO SELETIVO PARA A 8ª TURMA DE ALUNOS REGULARES DO MESTRADO ACADÊMICO EM EDUCAÇÃO Em conformidade com o artigo 33 do Regulamento da Pró-reitoria de Pós-graduação

Leia mais

ATO NORMATIVO DA DIREÇÃO GERAL - 02/2016. O DIRETOR GERAL DA FACULDADE PESBITERIANA MACKENZIE RIO, no uso de suas atribuições regimentais,

ATO NORMATIVO DA DIREÇÃO GERAL - 02/2016. O DIRETOR GERAL DA FACULDADE PESBITERIANA MACKENZIE RIO, no uso de suas atribuições regimentais, ATO NORMATIVO DA DIREÇÃO GERAL - 02/2016 Informa e orienta a comunidade acadêmica quanto à Estrutura dos Cursos, Regime Escolar, Avaliação do Desempenho e Matrículas nos cursos de Graduação para 2017.1.

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SÃO PAULO CAMPUS CAMPINAS EDITAL N 01/2014-IFSP/CMP

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SÃO PAULO CAMPUS CAMPINAS EDITAL N 01/2014-IFSP/CMP I I IIIINSllTUTO FEOERAL si.ajp.uo INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SÃO PAULO CAMPUS CAMPINAS EDITAL N 01/2014-IFSP/CMP PROCESSO SELETIVO DE TRANSFERÊNCIA EXTERNA PARA ENSINO SUPERIOR

Leia mais

TCC Trabalho de Conclusão de Curso Engenharia Civil Coordenação: Profa. Tatiana Jucá

TCC Trabalho de Conclusão de Curso Engenharia Civil Coordenação: Profa. Tatiana Jucá TCC Trabalho de Conclusão de Curso Engenharia Civil 2016-1 Coordenação: Profa. Tatiana Jucá 2/54 Pauta de hoje Apresentação da equipe de coordenação de TCC Datas importantes e documentação válida para

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO PLACE BRANDING MBA EAD 2º Semestre de 2017

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO PLACE BRANDING MBA EAD 2º Semestre de 2017 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO PLACE BRANDING MBA EAD 2º Semestre de 2017 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as normas para inscrição

Leia mais

1º Para os casos de transferência externa serão aceitas apenas as inscrições para áreas afins,

1º Para os casos de transferência externa serão aceitas apenas as inscrições para áreas afins, EDITAL NRCA-SJP N.º 06/2016 DISPÕE SOBRE OS PROCESSOS DE INGRESSO POR TRANSFERÊNCIA EXTERNA E PORTADOR DE DIPLOMA AOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE FAE SÃO JOSÉ DOS PINHAIS. A Coordenadora do Núcleo

Leia mais

15 de Jun a 13 de Jul Pré-matrícula online. 25 a 29 de Jul Solicitação de Dispensa de Disciplina. 04 a 15 de Jul 2016

15 de Jun a 13 de Jul Pré-matrícula online. 25 a 29 de Jul Solicitação de Dispensa de Disciplina. 04 a 15 de Jul 2016 I n f o r m e d e M at r í c u l a 2 0 1 6. 2 G r a d uaç ão bac h a r e l ad o 1. Cronograma de Matrícula: 15 de Jun a 13 de Jul 2016 25 a 29 de Jul 2016 04 a 15 de Jul 2016 Pré-matrícula online Consulta

Leia mais

ANEXO III - REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES ACADÊMICAS AAC. Título I Das Condições Gerais

ANEXO III - REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES ACADÊMICAS AAC. Título I Das Condições Gerais ANEXO III - REGULAMENTO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES ACADÊMICAS AAC Título I Das Condições Gerais Capítulo I Do Objetivo das Atividades Complementares Art. 1 As atividades complementares têm por objetivo

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO ESCOLA PAULISTA DE POLÍTICA, ECONOMIA E NEGÓCIOS CURSO DE CIÊNCIAS ATUARIAIS REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES BACHARELADO EM CIÊNCIAS ATUARIAIS Regulamento das

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CONSELHO COORDENADOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N 0 5/2000

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CONSELHO COORDENADOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N 0 5/2000 UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CONSELHO COORDENADOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N 0 5/2000 EMENTA: Estabelece normas e critérios para funcionamento de cursos seqüenciais na Universidade

Leia mais

EDITAL Nº 11/2016 POLÍTICA DE BOLSAS DE ESTUDO E DESCONTOS PARA INGRESSANTES 2017

EDITAL Nº 11/2016 POLÍTICA DE BOLSAS DE ESTUDO E DESCONTOS PARA INGRESSANTES 2017 EDITAL Nº 11/2016 POLÍTICA DE BOLSAS DE ESTUDO E DESCONTOS PARA INGRESSANTES 2017 A Direção da Faculdade da Indústria Curitiba, no uso de suas atribuições, torna público o presente Edital, com informações

Leia mais

Regulamento dos Bacharelados e Licenciaturas e Regulamento dos Cursos de Tecnologia em vigor até 2010

Regulamento dos Bacharelados e Licenciaturas e Regulamento dos Cursos de Tecnologia em vigor até 2010 Informações sobre as principais modificações existentes no Regulamento da Organização Didático-Pedagógica dos Cursos de Bacharelados e Licenciaturas e no Regulamento da Organização Didático-Pedagógica

Leia mais

UNIVERSIDADE TIRADENTES DIRETORIA DE GRADUAÇÃO PROGRAMA DE RETENÇÃO E RELACIONAMENTO PROJETO MENTORIA EDITAL ALUNO MENTOR Nº 01/2017

UNIVERSIDADE TIRADENTES DIRETORIA DE GRADUAÇÃO PROGRAMA DE RETENÇÃO E RELACIONAMENTO PROJETO MENTORIA EDITAL ALUNO MENTOR Nº 01/2017 EDITAL ALUNO MENTOR Nº 01/2017 A Universidade Tiradentes UNIT, com sede na Av. Murilo Dantas, 300 Farolândia, CEP: 49.032-490 Aracaju/SE, considerando a legislação em vigor, e através do presente Edital,

Leia mais

SELEÇÃO MONITORIA EDITAL Nº 04/2017

SELEÇÃO MONITORIA EDITAL Nº 04/2017 SELEÇÃO MONITORIA EDITAL Nº 04/2017 O Curso de Fisioterapia comunica que estão abertas as inscrições para Seleção de Monitores, para o ano de 2017 do módulo de Saúde, Processo e Assistência (SPA); Indivíduo,

Leia mais

1.1. Curso de Graduação em Engenharia de Telecomunicações. Período Integral: 15 vagas.

1.1. Curso de Graduação em Engenharia de Telecomunicações. Período Integral: 15 vagas. Edital CE nº 002/2016 Transferência Interna 2017 Estarão abertas na Seção Técnica de Apoio Acadêmico do Câmpus de São João da Boa Vista, da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, localizada

Leia mais

Regulamento. Regulamento do Programa Refazendo o Caminho

Regulamento. Regulamento do Programa Refazendo o Caminho Regulamento do Programa Refazendo o Caminho 1 SUMÁRIO SUMÁRIO DESTE REGULAMENTO... 5 DO PROGRAMA REFAZENDO O CAMINHO... 5 DA INSCRIÇÃO... 6 DO CURSO... 7 DO TRANCAMENTO E CANCELAMENTO... 7 DA AVALIAÇÃO

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO Institui o Regulamento dos cursos de Pós-graduação lato sensu Especialização em da Escola de Direito de Brasília EDB, mantida pelo Instituto

Leia mais

PORTARIA Nº 012 DE 13 DE JUNHO DE 2016

PORTARIA Nº 012 DE 13 DE JUNHO DE 2016 PORTARIA Nº 012 DE 13 DE JUNHO DE 2016 Dispõe sobre os procedimentos da renovação de matrícula para todos os cursos de graduação da Faculdade Brasileira MULTIVIX VITÓRIA para o semestre letivo 2016/2.

Leia mais