COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 011/2015

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 011/2015"

Transcrição

1 Tipo: Menor preço COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 011/2015 A Confederação Brasileira do Desporto Universitário - CBDU, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita sob o CNPJ nº / , com sede no SGAN 905 Conjunto D, Brasília-DF, CEP: , neste ato representado por seu Presidente Luciano Cabral, torna público para conhecimento dos interessados, que fará realizar COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO, tipo MENOR PREÇO TOT, no âmbito do convênio nº /2015, celebrado entre a Confederação Brasileira do Desporto Universitário e o Ministério do Esporte, objetivando a contratação de empresa especializada para o fornecimento de PASSAGENS AÉREAS DE ÂMBITO NACION, visando ao atendimento da II Copa Brasil Universitária de Futebol Universitário Feminino a ser realizada no período de 30/07 a 09/08/2015, na cidade de Maceió/. I- OBJETIVO: Contratação de empresa especializada para a prestação de serviços de reserva, emissão, marcação, remarcação, endosso e fornecimento de passagens aéreas no âmbito nacional, sendo a aquisição de até 676 passagens aéreas destinadas aos participantes do convênio citado acima. II- JUSTIFICATIVA A presente Cotação cumpre o disposto no projeto básico e plano de trabalho do Convênio nº /2015, referente à ETAPA 10. III- ESPECIFICAÇÃO DO SERVIÇO A prestação de serviço será composta dos seguintes itens: Reserva, emissão, marcação, remarcação, endosso, cancelamento, solicitação de reembolso, de bilhetes de passagens aéreas no âmbito nacional. Para a formação do preço deverá ser considerado o valor médio de preço para a emissão, englobando todas as taxas pertinentes. A aquisição de passagens será distribuída conforme tabela abaixo: Origem Destino Quantidade Data de Ida Data de Volta AC, AP, AM, CE, DF, ES, GO, MA, MT, MS, MG, PR, PB, PA, PE, PI, RJ, RN, RS, RO, RR, SC, SE, SP, BA, TO 24 passagens, para as equipes, saindo de cada capital brasileira para, totalizando 624 passagens aéreas 30/07/15 09/08/15

2 AC, AP, AM, CE, DF, ES, GO, MA, MT, MS, MG, PR, PB, PA, PE, PI, RJ, RN, RS, RO, RR, SC, SE, SP, BA, TO 52 passagens, para o CO e arbitragem, saindo de qualquer capital brasileira para. Totalizando 52 passagens. 29/07/ /08/15 IV- PERIODO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO A contratada iniciará a prestação dos serviços imediatamente após a assinatura do instrumento contratual, cuja vigência é de 1 (um) mês. V- VOR DISPONIVEL PARA O SERVIÇO Os recursos para custear os serviços deste edital, correrão a conta do convênio nº /2015. VI- HABILITAÇÃO DOS PROPONENTES 6.1 A proponente para ser HABILITADA a participar desta Seleção deverá apresentar envelope com cópia dos documentos relacionados abaixo até as 10h:00min de 17 de julho de 2015, na sede da CBDU, localizada no SGAN 905 Conjunto D, Brasília/DF, CEP: , ou enviada para o Deverá estar escrito no envelope ou no assunto do e- mail a seguinte expressão: Cotação de Preço nº 011/2015 Convênio nº /2015 a) Ato constitutivo, estatuto ou contrato social em vigor, devidamente registrado na Junta Comercial onde estiver sediada, e indicação do representante legal; b) Comprovante de Inscrição e de situação cadastral de pessoa jurídica- CNPJ e de inscrição Estadual/Municipal; c) Comprovante de regularidade perante o Órgão de Classe da empresa; d) Certidões Negativas de Débito de tributos e contribuições federais - Receita Federal do Brasil, e da Fazenda Estadual e Certidão da Divida Ativa da União; e) Certidão Negativa de contribuições previdenciárias- INSS; f) Certificado de Regularidade do FGTS - CRF; g) Balanço patrimonial; h) Capital integralizado de no mínimo R$ ,00 (trinta mil reais);

3 6.2 Não será admitida nesta Cotação Prévia de Preço a participação de empresas que se encontrem sob falência, concordata, recuperação judicial, concurso de credores, em dissolução ou em liquidação. 6.3 Não poderão participar desta Cotação Prévia as empresas que estiverem suspensas de licitar, no prazo e nas condições do impedimento; as declaradas inidôneas, nos níveis federal, estadual ou municipal, bem como as que estiverem em regime de Concordata ou Falência. 6.4 É vedada a participação de pessoas jurídicas em forma de consórcios ou grupos de sociedades. VII- DA ENTREGA DA PROPOSTA 7.1 As empresas classificadas na fase de habilitação, deverão apresentar proposta em papel timbrado da Pessoa Jurídica, não poderá conter emendas, rasuras ou entrelinhas, deverá estar datada, conter razão social, CNPJ, inscrição estadual/municipal, endereço completo, telefone, fax e/ou e, deverá ser assinada por representante legal da empresa. Todos os valores da proposta deverão vir expressos em moeda nacional corrente e com validade não inferior a 60 (sessenta) dias. 7.2 A proposta deverá ser entregue até as 10h00min de 20 de julho de 2015, na sede da CBDU, localizada no SGAN 905 Conjunto D, Brasília/DF, CEP: , ou enviada para o Deverá estar escrito no envelope ou no assunto do a seguinte expressão: Cotação de Preço nº XX/2015 Convênio nº / A proposta em questão deve obrigatoriamente seguir o modelo de proposta abaixo descrito, sendo sua avaliação com base no preço global final, senão vejamos: Origem Destino Quantidade Data de Ida AC, AP, AM, CE, DF, ES, GO, MA, MT, MS, MG, PR, PB, PA, PE, PI, RJ, RN, RS, RO, RR, SC, SE, SP, BA, TO Até 24 passagens, para as equipes, saindo de cada capital brasileira para, totalizando 624 passagens aéreas Data de Volta 30/07/15 09/08/15 VOR MÉDIO INDIVIDU VOR TOT

4 AC, AP, AM, CE, DF, ES, GO, MA, MT, MS, MG, PR, PB, PA, PE, PI, RJ, RN, RS, RO, RR, SC, SE, SP, BA, TO Até 52 passagens, para o CO e arbitragem, saindo de qualquer capital brasileira para. Totalizando 52 passagens. 28/07/15 10/08/15 TOT GER ATË 676 PASSAGENS AÉREAS NACIONAIS XIII- CLASSIFICAÇÃO DOS PROPONENTES Terão suas propostas apreciadas todas as empresas que cumprirem os requisitos para habilitação. Será adotado o critério de menor preço para definição da melhor proposta, sendo considerada vencedora a empresa habilitada que oferecer o menor preço dentre as empresas classificadas. Em caso de empate entre duas ou mais propostas será utilizado o critério de maior capital integralizado. Serão desclassificadas as propostas que: a) Não atendam às exigências contidas neste Edital; b) Apresentem valores excessivos ou manifestamente inexequíveis; c) Ofereçam vantagens ou alternativas não previstas, de interpretação dúbia ou rasuradas, ou ainda que contrariem no todo ou em parte o presente Edital. IX- SESSÃO PRESENCI PARA DIVULGAÇÃO DA VENCEDORA 9.1. No dia 20 de julho de 2015 às 10:30h (dez horas e trinta minutos) haverá uma Sessão Presencial de Negociação da Cotação Prévia, para verificação de preços e posterior divulgação da vencedora, na Sala de Reuniões da Confederação Brasileira do Desporto Universitário, SGAN 905, Conj. D, Asa Norte, Brasília-DF. X- DO RESULTADO O resultado preliminar desta Cotação Prévia de Preço será divulgado em sessão pública, na sede da CBDU, no dia 20 de julho de 2015, a todos os

5 presentes, imediatamente após a avaliação das propostas e será divulgado através do mural da entidade situado em sua sede até às 12:00h (doze horas) Serão concedidas vistas à documentação habilitatória e proposta de preços do licitante vencedor a todos os presentes Será aberto prazo recursal de 04(quatro) horas, contado a partir da divulgação do resultado preliminar da cotação prévia, no mural da entidade Findado o prazo recursal, e não havendo a interposição de recurso, será publicado no site da CBDU, o resultado final do certame às 16h (dezesseis horas) do mesmo dia Em caso de apresentação e acolhimento de recurso, devidamente formalizado, sua apreciação e julgamento será realizado no prazo de até vinte e quatro horas e o seu resultado será publicado no site da CBDU, juntamente com o resultado final do certame até às 16h (dezesseis horas) do dia seguinte à sua apresentação O resultado final será homologado, em ato contínuo a passagem do prazo recursal e julgamento dos recursos apresentados, primeiramente no site da CBDU e posteriormente no SICONV, onde serão inclusos os documentos desta cotação prévia. XI- PUBLICAÇÃO DO RESULTADO DA COTAÇÃO O resultado da avaliação das propostas será publicado no SICONV E NO SITE DA CBDU (WWW.CBDU.ORG.BR). XI- VIGÊNCIA DO CONTRATO O prazo de vigência do contrato será de 1 (um) mês. XII- FORMA DE PAGAMENTO 12.1 O pagamento será efetuado mediante a apresentação da nota fiscal/fatura, de forma detalhada com nome dos passageiros, trechos, número do localizador, número do bilhete, valor unitário e valor total. Será feito por meio de ordem bancaria contra instituição bancaria indicada pela Contratada A nota fiscal/fatura deverá conter os dados bancários do favorecido, e a seguinte identificação: Convênio nº / II Copa Brasil Universitária de Futebol Universitário Feminino de 30/07 a 09/08/2015, em Maceió/ O prazo para pagamento será de até 30 (trinta) dias contados do término do evento, e desde que cumpridas todas as obrigações acima.

6 12.4 O preço pelo qual será contratado o objeto da presente cotação não sofrerá reajuste, para mais ou menos, no período de duração do contrato. XIII- DISPOSIÇÕES GERAIS 13.1 A empresa vencedora será obrigada a conceder livre acesso aos documentos e registros contábeis da empresa, referentes ao objeto contratado, para os funcionários da CBDU e dos órgãos de controle, na forma do art. 56, em conformidade com o art. 43, inciso XX, da Portaria Interministerial CGU/MF/MP nº 507/ As condições estabelecidas nesta Cotação Prévia de Preços consubstanciam-se no contrato e nas autorizações oficiais de compra, independentemente de estarem nela transcritas A não observância de qualquer item desta Cotação Prévia implicará na desclassificação da empresa concorrente Ficam as concorrentes cientes de que a simples apresentação da proposta indica que está de pleno conhecimento dos elementos da presente cotação, bem como de todas as condições gerais, e da legislação especifica da matéria, não podendo invocar nenhum desconhecimento quanto aos mesmos, como elemento impeditivo de perfeito cumprimento do fornecimento do serviço. XIV- ESCLARECIMENTOS Informações e/ou esclarecimentos a respeito desta Cotação poderão ser obtidos junto ao Departamento Financeiro da CBDU, por meio do ou na sede da CBDU no SGAN 905 Conjunto D, Brasília/DF, CEP: , telefone: (61) Brasília-DF, 29 de junho de Luciano Atayde Costa Cabral Presidente da CBDU Alim Rachid Maluf Neto Presidente Comissão Licitação CBDU

COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 009/2015. Lote Único - Locação de veículos: tipo: carros de passeio, van e ônibus.

COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 009/2015. Lote Único - Locação de veículos: tipo: carros de passeio, van e ônibus. COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 009/2015 Tipo: Menor preço total Lote Único - Locação de veículos: tipo: carros de passeio, van e ônibus. A CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DO DESPORTO UNIVERSITÁRIO - CBDU, entidade

Leia mais

COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 005/2015

COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 005/2015 Tipo: Menor preço COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 005/2015 A CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DO DESPORTO UNIVERSITÁRIO - CBDU, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita sob o CNPJ nº 42.467.787/0001-46, com sede

Leia mais

COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 012/2015

COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 012/2015 Tipo: Menor preço COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 012/2015 A CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DO DESPORTO UNIVERSITÁRIO - CBDU, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita sob o CNPJ nº 42.467.787/0001-46, com sede

Leia mais

ANEXO I BICICLETA ESCOLAR. Modelo de ofício para adesão à ata de registro de preços (GRUPO 1)

ANEXO I BICICLETA ESCOLAR. Modelo de ofício para adesão à ata de registro de preços (GRUPO 1) ANEXO I BICICLETA ESCOLAR Modelo de ofício para adesão à ata de registro de preços (GRUPO 1) Assunto: Adesão à ata de registro de preços nº 70/2010 do pregão eletrônico nº 40/2010. 1 2 BICICLETA 20 - AC,

Leia mais

3. DA ABERTURA, DIA, HORA E LOCAL

3. DA ABERTURA, DIA, HORA E LOCAL Cotação Prévia de Preço n 003-2012 Convênio 11.778 FBB Maior percentual de desconto Cotação prévia de Preços na modalidade maior percentual de desconto para contratação de empresa para intermediação de

Leia mais

AGÊNCIA NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES Acessos Quantidade de Acessos no Brasil Dividido por Tecnologia/Velocidade/UF

AGÊNCIA NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES Acessos Quantidade de Acessos no Brasil Dividido por Tecnologia/Velocidade/UF AGÊNCIA NACIONAL DE TELECOMUNICAÇÕES Acessos Quantidade de Acessos no Brasil Dividido por Tecnologia/Velocidade/UF UF Tecnologia Velocidade Quantidade de Acessos AC ATM 12 Mbps a 34Mbps 3 AC ATM 34 Mbps

Leia mais

DEMANDA DE CANDIDATOS POR CARGO / UF NÍVEL SUPERIOR

DEMANDA DE CANDIDATOS POR CARGO / UF NÍVEL SUPERIOR EM CARGOS DE E DE NÍVEL INTERMEDIÁRIO Administrador AC 1 14 14.00 Administrador AL 1 53 53.00 Administrador AP 1 18 18.00 Administrador BA 1 75 75.00 Administrador DF 17 990 58.24 Administrador MT 1 55

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO ELETRÔNICA DE PREÇO SICONV Nº 024.1/2013 TIPO: MENOR PREÇO GLOBAL 1 OBJETIVO 2 JUSTIFICTIVA DA CONTRATAÇÃO

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO ELETRÔNICA DE PREÇO SICONV Nº 024.1/2013 TIPO: MENOR PREÇO GLOBAL 1 OBJETIVO 2 JUSTIFICTIVA DA CONTRATAÇÃO TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO ELETRÔNICA DE PREÇO SICONV Nº 024.1/2013 TIPO: MENOR PREÇO GLOBAL A Federação Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura Familiar do Brasil FETRAF-BRASIL/CUT,

Leia mais

MERCADO DE CAPITALIZAÇÃO JANEIRO / ABRIL -2011

MERCADO DE CAPITALIZAÇÃO JANEIRO / ABRIL -2011 MERCADO DE CAPITALIZAÇÃO JANEIRO / ABRIL -2011 1 MERCADO DE CAPITALIZAÇÃO: O Mercado de títulos de capitalização vem mantendo crescimentos fortes e retornos robustos. Nesse período o volume de vendas atingiu

Leia mais

Indenizações Pagas Quantidades

Indenizações Pagas Quantidades Natureza da Indenização Jan a Dez 2011 % Jan a Dez 2012 % Jan a Dez 2012 x Jan a Dez 2011 Morte 58.134 16% 60.752 12% 5% Invalidez Permanente 239.738 65% 352.495 69% 47% Despesas Médicas (DAMS) 68.484

Leia mais

Gestão da Qualidade da Banda Larga

Gestão da Qualidade da Banda Larga Gestão da Qualidade da Banda Larga Agência Nacional de Telecomunicações Brasília, 17 de maio de 2013 METODOLOGIA DE MEDIÇÃO INDICADORES DE BANDA LARGA FIXA Avaliações realizadas através de medidores instalados

Leia mais

COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 020/2015

COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 020/2015 COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 020/2015 Tipo: Menor preço A CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DO DESPORTO UNIVERSITÁRIO (CBDU), entidade privada sem fins lucrativos, inscrita sob o CNPJ nº 42.467.787/0001-46, com sede

Leia mais

COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 019/2015

COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 019/2015 COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 019/2015 Tipo: Menor preço A CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DO DESPORTO UNIVERSITÁRIO (CBDU), entidade privada sem fins lucrativos, inscrita sob o CNPJ nº 42.467.787/0001-46, com sede

Leia mais

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE HANDEBOL

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE HANDEBOL EDITAL DE LICITAÇÃO nº 002/2012 TOMADA DE PREÇOS PARA PRESTADORES DE SERVIÇOS E PRESTAÇÕES DE CONTAS NA GESTÃO DE PROJETOS A CBHb, de acordo com a Lei 10.264 de 16 de julho de 2001 Lei Agnelo/Piva, regulamentada

Leia mais

De janeiro a junho de 2013 as indenizações pagas pelo Seguro DPVAT registraram crescimento de 38% ante mesmo período de 2012.

De janeiro a junho de 2013 as indenizações pagas pelo Seguro DPVAT registraram crescimento de 38% ante mesmo período de 2012. De janeiro a junho de 2013 as indenizações pagas pelo Seguro DPVAT registraram crescimento de 38% ante mesmo período de 2012. Os casos de Invalidez Permanente representaram a maioria das indenizações pagas

Leia mais

COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 0003/2015

COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 0003/2015 COTAÇÃO PREVIA DE PREÇOS Nº 0003/2015 Tipo: Menor preço global A Confederação Brasileira do Desporto Universitário - CBDU, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita sob o CNPJ nº 42.467.787/0001-46,

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. 1.1 Tipo do Serviço e Especificação do Veiculo

TERMO DE REFERÊNCIA. 1.1 Tipo do Serviço e Especificação do Veiculo TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO ELETRÔNICA DE PREÇO Nº 017/2013 TIPO: MENOR PREÇO A Federação Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura Familiar do Brasil FETRAF-BRASIL/CUT, entidade de direito

Leia mais

1. DO OBJETO: 2. ESPECIFICAÇÃO

1. DO OBJETO: 2. ESPECIFICAÇÃO Edital 08/2015 Cotação Prévia de Preço n 08/2015 Convênio n, MTE/SENAES - SICONV Nº 776109/2012. Menor Preço A Associação de Orientação às Cooperativas do Nordeste - ASSOCENE, entidade inscrita no CNPJ

Leia mais

Indenizações Pagas Quantidades

Indenizações Pagas Quantidades Natureza da Indenização Jan a Dez 2012 % Jan a Dez 2013 % Jan a Dez 2013 x Jan a Dez 2012 Morte 60.752 1 54.767 9% - Invalidez Permanente 352.495 69% 444.206 70% 2 Despesas Médicas (DAMS) 94.668 19% 134.872

Leia mais

Portaria Interministerial N 416, de 23 de Abril de 2004

Portaria Interministerial N 416, de 23 de Abril de 2004 Portaria Interministerial N 416, de 23 de Abril de 2004 Portaria Interministerial N 416, de 23 de abril de 2004 Presidência da República Casa Civil OS MINISTROS DE ESTADO CHEFE DA CASA CIVIL DA PRESIDÊNCIA

Leia mais

FEIRÃO CAIXA DA CASA PRÓPRIA. II Fórum de Comunicação do Governo Federal no Nordeste 11 NOV 2008

FEIRÃO CAIXA DA CASA PRÓPRIA. II Fórum de Comunicação do Governo Federal no Nordeste 11 NOV 2008 FEIRÃO CAIXA DA CASA PRÓPRIA ESTRATÉGIA DO FEIRÃO OS PÚBLICOS TRABALHADOS ESTRATÉGIA DE COMUNICAÇÃO RESULTADOS ESTRATÉGIA DO FEIRÃO Disponibilizar espaço para a interação entre demanda (população), oferta

Leia mais

Quantidade de pedidos registrados por mês

Quantidade de pedidos registrados por mês Relatório de Pedidos de Acesso à Informação e Solicitantes (*) Informações adicionais para o correto entendimento do relatório podem ser encontradas na última seção. Órgão(s) de referência: MinC - Ministério

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA Nº 10/2014, REFERENTE AO CONVÊNIO SICONV Nº 794450/2013

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA Nº 10/2014, REFERENTE AO CONVÊNIO SICONV Nº 794450/2013 TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA Nº 10/2014, REFERENTE AO CONVÊNIO SICONV Nº 794450/2013 O Instituto Tribos Jovens, associação civil sem fins lucrativos, com sede em Porto Seguro/BA, na Rua Saldanha

Leia mais

Carga Tributária dos Combustíveis por Estado. Referência: Junho/2015

Carga Tributária dos Combustíveis por Estado. Referência: Junho/2015 Carga Tributária dos Combustíveis por Estado Referência: Junho/2015 Pontos importantes da Lei 12.741/2012 para a revenda de combustíveis Art. 1º Emitidos por ocasião da venda ao consumidor de mercadorias

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE ARTESANATO E ESTILO - ARTEST

ASSOCIAÇÃO DE ARTESANATO E ESTILO - ARTEST Cotação Prévia de Preços n 002/2013 Convênio nº 35/2013 - SEBRAE/ ARTEST Menor preço Cotação Prévia de Preços na modalidade menor preço para contratação de empresa especializada nos serviços de GESTÃO

Leia mais

Configuração de NFe. Acesse o módulo Administrativo.

Configuração de NFe. Acesse o módulo Administrativo. Configuração de NFe Para definir as configurações (Parâmetros) de cada empresa ou filial cadastrada no sistema para envios de NF-e, proceda da seguinte forma: Acesse o módulo Administrativo. Clique no

Leia mais

Anteprojeto de Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas

Anteprojeto de Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas Avanços e Pontos para Reflexão Renato da Fonseca Secretário-Executivo do Conselho da Micro e Pequena Empresa da Confederação Nacional da Indústria Pontos para reflexão Por que devemos criar um regime especial

Leia mais

FUNDAÇÃO THEODOMIRO SANTIAGO TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 201150067 TIPO: MENOR PREÇO

FUNDAÇÃO THEODOMIRO SANTIAGO TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 201150067 TIPO: MENOR PREÇO TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 201150067 TIPO: MENOR PREÇO A FUNDAÇÃO THEODOMIRO SANTIAGO, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica do Ministério

Leia mais

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento

Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento C o m p an h i a N ac io n a l d e Abastecimento D i r e t o r i a d e Opercações e A b a stecimento S u p erintedência de O p erações Comerciais G e r ên c i a d e Formação e Controle de Estoques P o

Leia mais

POLITICAS PARA O TRÂNSITO SEGURO DE MOTOS

POLITICAS PARA O TRÂNSITO SEGURO DE MOTOS Seminário POLITICAS PARA O TRÂNSITO SEGURO DE MOTOS LEGISLAÇÃO, FISCALIZAÇÃO E POLÍTICA DE SEGURANÇA Brasília DF 13 de setembro de 2012 Regulamentação da atividade de mototaxista Mesmo diante da ausência

Leia mais

Agência Nacional de Telecomunicações. Entidade Aferidora da Qualidade

Agência Nacional de Telecomunicações. Entidade Aferidora da Qualidade Agência Nacional de Telecomunicações Entidade Aferidora da Qualidade Qualidade da Banda Larga Publicação de Indicadores (setembro/13) outubro de 2013 Medição Banda Larga Fixa (SCM) Para a medição da banda

Leia mais

Monitoramento de agrotóxicos em água para consumo humano

Monitoramento de agrotóxicos em água para consumo humano Seminário de Vigilância em Saúde de Populações Expostas a Agrotóxicos Mesa Redonda I Exposição humana a agrotóxicos: ações em desenvolvimento Monitoramento de agrotóxicos em água para consumo humano Coordenação

Leia mais

FÓRUM ESTADUAL DA UNDIME. Belo Horizonte, 3 de abril de 2013.

FÓRUM ESTADUAL DA UNDIME. Belo Horizonte, 3 de abril de 2013. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FÓRUM ESTADUAL DA UNDIME MINAS GERAIS Belo Horizonte, 3 de abril de 2013. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO ALINHAMENTO DOS PLANOS MUNICIPAIS E ESTADUAIS DE EDUCAÇÃO AO PNE SECRETARIA DE ARTICULAÇÃO

Leia mais

1.1 O recebimento dos envelopes dar-se-á até às 14:00h do dia 09 de março de 2010, pela Comissão Permanente de Licitação, no endereço acima citado.

1.1 O recebimento dos envelopes dar-se-á até às 14:00h do dia 09 de março de 2010, pela Comissão Permanente de Licitação, no endereço acima citado. EDITAL DE CARTA CONVITE N 02/2010 CRM-PR OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSESSORIA PARA O DESENVOLVIMENTO E SUPERVISÃO DE PROJETO DE TELEMEDICINA, VIDEOCONFERÊNCIA E EDUCAÇÃO CONTINUADA PARA

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 003/2014 TIPO: MENOR PREÇO

CARTA CONVITE Nº 003/2014 TIPO: MENOR PREÇO CARTA CONVITE Nº 003/2014 TIPO: MENOR PREÇO PROCESSO Nº 003/2014 Tipo de Licitação: MENOR PREÇO DATA: 22/08/2014 HORÁRIO: 10h00min LOCAL: Universidade de Brasília Campus Universitário Darcy Ribeiro Edifício

Leia mais

RESOLUÇÃO STJ N. 1 DE 4 DE FEVEREIRO DE 2014.

RESOLUÇÃO STJ N. 1 DE 4 DE FEVEREIRO DE 2014. RESOLUÇÃO STJ N. 1 DE 4 DE FEVEREIRO DE 2014. Dispõe sobre o pagamento de custas judiciais e porte de remessa e retorno de autos no âmbito do Superior Tribunal de Justiça. O PRESIDENTE DO SUPERIOR TRIBUNAL

Leia mais

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE RUGBY

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE RUGBY , 0 de abril de 05. PROCESSO SELETIVO Nº 08/05 AVISO PROCESSO SELETIVO I. Proponente: Confederação Brasileira de Rugby CNPJ: 50.380.658/000- E-mail: kaiza.cappi@brasilrugby.com.br Endereço: Rua Tapinas,

Leia mais

Censo Nacional das Bibliotecas Públicas P

Censo Nacional das Bibliotecas Públicas P Ministério da Cultura Secretaria de Articulação Institucional Diretoria de Livro, Leitura e Literatura Fundação Biblioteca Nacional Sistema Nacional de Bibliotecas PúblicasP Censo Nacional das Bibliotecas

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO ELETRÔNICA DE PREÇO SICONV Nº 001/2014 TIPO: MENOR PREÇO GLOBAL 1 OBJETIVO

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO ELETRÔNICA DE PREÇO SICONV Nº 001/2014 TIPO: MENOR PREÇO GLOBAL 1 OBJETIVO TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO ELETRÔNICA DE PREÇO SICONV Nº 001/2014 TIPO: MENOR PREÇO GLOBAL A Federação Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura Familiar do Brasil FETRAF-BRASIL/CUT, entidade

Leia mais

ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL Seção de São Paulo SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA STJ. Atualizado em 08/09/2015

ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL Seção de São Paulo SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA STJ. Atualizado em 08/09/2015 SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA STJ Atualizado em 08/09/2015 RESOLUÇÃO STJ/GP N. 3 DE 5 DE FEVEREIRO DE 2015. Dispõe sobre o pagamento de custas judiciais e porte de remessa e retorno de autos no âmbito do

Leia mais

Sublimites estaduais de enquadramento para. Nacional 2012/2013. Vamos acabar com essa ideia

Sublimites estaduais de enquadramento para. Nacional 2012/2013. Vamos acabar com essa ideia Sublimites estaduais de enquadramento para o ICMS no Simples Nacional 2012/2013 Vamos acabar com essa ideia 4 CNI APRESENTAÇÃO Os benefícios do Simples Nacional precisam alcançar todas as micro e pequenas

Leia mais

(MLRV) SEGURO GARANTIA ESTENDIDA JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES. lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1

(MLRV) SEGURO GARANTIA ESTENDIDA JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES. lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 SEGURO GARANTIA ESTENDIDA JAN A MAIO DE 2015 SUSEP SES lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 1- INTRODUÇÃO: O seguro de Garantia Estendida tem como objetivo fornecer ao segurado, facultativamente

Leia mais

EDITAL DE COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 06/2011

EDITAL DE COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 06/2011 Tv. de maio, 159 São Braz CEP: 66.06-90 Belém Pa Fones: (91) 9.000 / 9.10 CNPJ: Nº 00.1.051/0001-59 EDITAL DE COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 06/011 A ASSOCIAÇÃO PARAENSE DE APOIO ÀS COMUNIDADES CARENTES APACC

Leia mais

LEVANTAMENTO FISCAL SITE KADOX

LEVANTAMENTO FISCAL SITE KADOX LEVANTAMENTO FISCAL SITE KADOX SUMÁRIO 1 ICMS 1.1 CONTRIBUINTE 1.2 FATO GERADOR DO IMPOSTO 1.3 BASE DE CÁLCULO DO IMPOSTO 1.4 REDUÇÃO DA BASE DE CÁLCULO 1.5 CARTA DE CORREÇÃO 1.6 CÓDIGO DA SITUAÇÃO TRIBUTÁRIA

Leia mais

Denegação de NF-e por. Irregularidade Fiscal do Destinatário

Denegação de NF-e por. Irregularidade Fiscal do Destinatário Denegação de NF-e por Irregularidade Fiscal do Destinatário Denegação da Autorização de Uso da NF-e em Razão da Irregularidade Fiscal do Destinatário Junho de 2015 Vs 1.3 1 DO QUE SE TRATA? Trata-se da

Leia mais

A PRESENTE PESQUISA ESTÁ ENQUADRADA NA ESTRATÉGIA DO

A PRESENTE PESQUISA ESTÁ ENQUADRADA NA ESTRATÉGIA DO A PRESENTE PESQUISA ESTÁ ENQUADRADA NA ESTRATÉGIA DO SINDICATO APEOC DE CONSTRUIR A ADEQUAÇÃO DO PLANO DE CARREIRA DOS TRABALHADORES EM EDUCAÇÃO COM BASE NA LEI Nº 11738 DO PISO NACIONAL NA SUA FORMA ORIGINAL

Leia mais

MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO. Empresas de Pequeno Porte em Compras Governamentais

MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO. Empresas de Pequeno Porte em Compras Governamentais Benefícios para Micro Empresa e Empresas de Pequeno Porte em Compras Governamentais I) Objetivo Tópicos II) Avaliação da experiência do Governo Federal III) Principais Pontos da LC nº 123/2006 e do Decreto

Leia mais

Pré- requisitos necessários:

Pré- requisitos necessários: O programa: Intercâmbio de três semanas nos Estados Unidos para estudantes brasileiros de destaque na rede pública que possuem a;tude posi;va, são voluntários em suas comunidades e falam inglês. A viagem

Leia mais

Orientaça o sobre Vistos

Orientaça o sobre Vistos Orientaça o sobre Vistos UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS DIRETORIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS ÁFRICA DO SUL Capital: Pretória (executiva) Língua oficial: Africâner e outras 10 Moeda: Rand (ZAR) Orientação

Leia mais

1. Consulta de Certificado Digital 1. 2. Modelo de faturamento por Central de Serviços 3. 3 Configuração de informações para Faturamento de pedidos 4

1. Consulta de Certificado Digital 1. 2. Modelo de faturamento por Central de Serviços 3. 3 Configuração de informações para Faturamento de pedidos 4 CONFIGURAÇÃO PEDIDOS 1. Consulta de Certificado Digital 1 2. Modelo de faturamento por Central de Serviços 3 3 Configuração de informações para Faturamento de pedidos 4 4 Faturamento de NF-e pela SEFAZ

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO ELETRÔNICA DE PREÇO Nº 016/2013 TIPO: MENOR PREÇO 1 OBJETIVO

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO ELETRÔNICA DE PREÇO Nº 016/2013 TIPO: MENOR PREÇO 1 OBJETIVO TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO ELETRÔNICA DE PREÇO Nº 016/2013 TIPO: MENOR PREÇO A Federação Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura Familiar do Brasil FETRAF-BRASIL/CUT, entidade de direito

Leia mais

UN 4 0,00 Catraca pedestal com cofre com leitor smart card

UN 4 0,00 Catraca pedestal com cofre com leitor smart card ITEM 1 - Município - Rio de Janeiro - RJ ANEXO II DO TERMO DE REFERÊNCIA QT Valor Unitário R$ Valor Total R$ 1 - Projeto (verba para infraestrutura e ativação local) VB 1 Software de Acesso - Licença Web

Leia mais

RELATÓRIO. Brasília/DF, 20 de maio de 2013.

RELATÓRIO. Brasília/DF, 20 de maio de 2013. RELATÓRIO Brasília/DF, 20 de maio de 2013. Este relatório apresenta dados sobre a publicação pelos órgãos do Poder Judiciário do detalhamento da folha de pagamento de pessoal, nos sítios eletrônicos, conforme

Leia mais

RISCOS NOMEADOS E OPERACIONAIS JAN A MAIO DE 2012

RISCOS NOMEADOS E OPERACIONAIS JAN A MAIO DE 2012 RISCOS NOMEADOS E OPERACIONAIS JAN A MAIO DE 2012 1 ANÁLISE RISCOS NOMEADOS E OPERACIONAIS: Essa análise está calcada nos números divulgados pela SUSEP referente ao período de jan a maio de 2012 através

Leia mais

Crescer agregando valor

Crescer agregando valor Crescer agregando valor Marcio Araujo de Lacerda Presidente do Conselho de Administração Maio de 2008 1/XX Orientações do Governo Mineiro Para Minas Gerais: Um Estado para Resultados Visão: Tornar Minas

Leia mais

EDITAL DE COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 08/2011 TERMO DE REFERÊNCIA Nº 08/2011-

EDITAL DE COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 08/2011 TERMO DE REFERÊNCIA Nº 08/2011- EDITAL DE COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 08/2011 TERMO DE REFERÊNCIA Nº 08/2011- A ASSOCIAÇÃO PARAENSE DE APOIO ÀS COMUNIDADES CARENTES APACC torna público que fará realizar COTAÇÃO PRÉVIA, do tipo MENOR

Leia mais

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS PRESTAMISTA RESULTADOS E INDICADORES JAN A MAIO 2010 09-07-2010 1 MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS PRESTAMISTA Esse conjunto encerrou o período com um volume de vendas de R$

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. ÓRGÃO/ENTIDADE: Federação Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura Familiar do Brasil FETRAF-BRASIL/CUT

TERMO DE REFERÊNCIA. ÓRGÃO/ENTIDADE: Federação Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura Familiar do Brasil FETRAF-BRASIL/CUT TERMO DE REFERÊNCIA LICITAÇAO/MODALIDADE: REGIME DE EXECUÇÃO: COTAÇÃO PRÉVIA DIVULGAÇÃO ELETRÔNICA SICONV N.014/2013 MAIOR DESCONTO SOBRE A REMUNERAÇÃO DA AGENCIA DE VIAGEM TAXA RAV) A presente Cotação

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 008/2012

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 008/2012 COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Contrato de Repasse do Convênio no SICONV nº 763468/2011-IPD/MDA/BB Modalidade: Melhor técnica e menor preço Entrega da Proposta até dia/hora: 11.04.2012 às 12h00 Valor Referencial

Leia mais

AVALIAÇÕES E PERSPECTIVAS ESTRATÉGIAS PARA OS PROJETOS IV SEMINÁRIO NACIONAL DO PNCF

AVALIAÇÕES E PERSPECTIVAS ESTRATÉGIAS PARA OS PROJETOS IV SEMINÁRIO NACIONAL DO PNCF AVALIAÇÕES E PERSPECTIVAS ESTRATÉGIAS PARA OS PROJETOS IV SEMINÁRIO NACIONAL DO PNCF Crédito Fundiário no combate a pobreza rural: Sustentabilidade e qualidade de vida 2011 PROGRAMA NACIONAL DE CRÉDITO

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS EDITAL Nº 008/2015

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS EDITAL Nº 008/2015 COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS EDITAL Nº 008/2015 CONVÊNIO Nº: 812779/2014 SDH/PR PROCESSO LICITATÓRIO Nº: 012/2015 TIPO: Cotação prévia de preços / Menor preço OBJETO: Contratação de Seguro contra Acidentes

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO Nº. 007/2014

EDITAL DE LICITAÇÃO Nº. 007/2014 EDITAL DE LICITAÇÃO Nº. 007/2014 Contratação por um período de 12 meses de uma Empresa especializada para criação, acompanhamento, planejamento de conteúdo, monitoramento do fluxo, campanhas publicitárias

Leia mais

SEMINÁRIO SOBRE METROLOGIA LEGAL LATU/INMETRO CRONOTACÓGRAFO

SEMINÁRIO SOBRE METROLOGIA LEGAL LATU/INMETRO CRONOTACÓGRAFO SEMINÁRIO SOBRE METROLOGIA LEGAL LATU/INMETRO CRONOTACÓGRAFO 1. Cronotacógrafo 2. Legislação CTB 3. Legislação Metrológica 4. Relação público/privado 5. Discos diagrama 6. Certificado 7. Prazos para verificação

Leia mais

CRITÉRIOS DE SELEÇÃO DE PROJETOS

CRITÉRIOS DE SELEÇÃO DE PROJETOS CRITÉRIOS DE SELEÇÃO DE PROJETOS Lúcia Maria Mendonça Santos Marcos Daniel Souza dos Santos Paula Coelho da Nóbrega Departamento de Mobilidade Urbana Secretaria Nacional de Transporte e da Mobilidade Urbana

Leia mais

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS TRANSPORTES INTERNACIONAIS

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS TRANSPORTES INTERNACIONAIS MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS TRANSPORTES INTERNACIONAIS I BIMESTRE -2013 1 O segmento de Transportes Internacionais encerrou o mês de janeiro com um volume de produção de R$ 85 milhões contra R$ 84 milhões

Leia mais

2.01.1 Atenderem as condições e exigências estabelecidas neste CONVITE;

2.01.1 Atenderem as condições e exigências estabelecidas neste CONVITE; CONVITE Nº 009/2007 LICITAÇÃO PARA AQUISIÇÃO DE 63 (SESSENTA E TRÊS) LICENÇAS DO SISTEMA OPERACIONAL WINDOWS XP PROFESSIONAL-FULL VERSÃO EM PORTUGUÊS PARA ESTAÇÕES DE TRABALHO E 01(UMA) LICENÇA DE WINDOWS

Leia mais

PROMOÇÃO VIVO CONTROLE MÓVEL COM CARTÃO DE CRÉDITO

PROMOÇÃO VIVO CONTROLE MÓVEL COM CARTÃO DE CRÉDITO PROMOÇÃO VIVO CONTROLE MÓVEL COM CARTÃO DE CRÉDITO DISPOSIÇÕES GERAIS DA PROMOÇÃO 1.1. A promoção Vivo Controle Móvel no Cartão de Crédito é realizada pela Telefônica Brasil S/A, que oferece os benefícios

Leia mais

FUNDAÇÃO THEODOMIRO SANTIAGO TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 201150062 TIPO: MENOR PREÇO

FUNDAÇÃO THEODOMIRO SANTIAGO TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 201150062 TIPO: MENOR PREÇO TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 201150062 TIPO: MENOR PREÇO A FUNDAÇÃO THEODOMIRO SANTIAGO, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica do Ministério

Leia mais

COTACAO PREVIA DE PRECO Nº 02/2015 EDITAL Nº 02/2015

COTACAO PREVIA DE PRECO Nº 02/2015 EDITAL Nº 02/2015 COTACAO PREVIA DE PRECO Nº 02/2015 EDITAL Nº 02/2015 Convênio MTE/SENAES nº 78/2012 SICONV 776109/2012 COTACAO PREVIA DE PREÇO nº 02/2015 Modalidade melhor técnica e preço-serviço Técnico de Consultoria

Leia mais

PESQUISA DE PREÇO DE MERCADO Nº 03/2014 TIPO: MENOR PREÇO

PESQUISA DE PREÇO DE MERCADO Nº 03/2014 TIPO: MENOR PREÇO PESQUISA DE PREÇO DE MERCADO Nº 03/2014 TIPO: MENOR PREÇO O INSTITUTO PATRÍCIA GALVÃO, inscrito no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica do Ministério da Fazenda sob o nº CNPJ 05.408.004/0001-27, associação

Leia mais

Ministério da Educação Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira RESUMO TÉCNICO CENSO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR 2008

Ministério da Educação Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira RESUMO TÉCNICO CENSO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR 2008 Ministério da Educação Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira RESUMO TÉCNICO CENSO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR 2008 Brasília DF 2009 SUMÁRIO LISTA DE TABELAS... 3 APRESENTAÇÃO...

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 011/2014 TIPO: MENOR PREÇO POR ITEM

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 011/2014 TIPO: MENOR PREÇO POR ITEM TERMO DE REFERÊNCIA TIPO: MENOR PREÇO POR ITEM A UNIVERSIDADE REGIONAL INTEGRADA DO ALTO URUGUAI E DAS MISSÕES, entidade privada sem fins lucrativos, mantida pela Fundação Regional Integrada FURI, pessoa

Leia mais

PESQUISA DE PREÇO DE MERCADO Nº 001/2015 TIPO: MENOR PREÇO

PESQUISA DE PREÇO DE MERCADO Nº 001/2015 TIPO: MENOR PREÇO PESQUISA DE PREÇO DE MERCADO Nº 001/2015 TIPO: MENOR PREÇO O INSTITUTO PATRÍCIA GALVÃO, inscrito no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica do Ministério da Fazenda sob o nº CNPJ 05.408.004/0001-27, associação

Leia mais

SCC SEGURO DOS CONCESSIONÁRIOS CHEVROLET DIRETRIZES BASICAS

SCC SEGURO DOS CONCESSIONÁRIOS CHEVROLET DIRETRIZES BASICAS SCC SEGURO DOS CONCESSIONÁRIOS CHEVROLET DIRETRIZES BASICAS O objetivo do programa é combinar a sinergia existente entre concessionárias e seguradoras a fim de que, mediante a fidelização dos clientes,

Leia mais

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS AUTOMÓVEIS

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS AUTOMÓVEIS MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS AUTOMÓVEIS I BIMESTRE -2013 1 O segmento de Automóveis encerrou o mês de janeiro com um volume de produção de R$ 4,3 bilhões contra R$ 3,4 bilhões de 2012, um crescimento

Leia mais

FICHA DE CADASTRO PARA ADOÇÃO 1º PRETENDENTE (É obrigatório o preenchimento de todos os campos) Nome Completo

FICHA DE CADASTRO PARA ADOÇÃO 1º PRETENDENTE (É obrigatório o preenchimento de todos os campos) Nome Completo FICHA DE CADASTRO PARA ADOÇÃO 1º PRETENDENTE (É obrigatório o preenchimento de todos os campos) Nome Completo CPF Sexo ( )Masculino ( )Feminino Estado Civil ( )Solteiro(a) ( )Casado(a) ( )Viúvo(a) ( )Divorciado(a)

Leia mais

PROCESSO SELETIVO Nº 004/2012

PROCESSO SELETIVO Nº 004/2012 PROCESSO SELETIVO Nº 004/2012 O Instituto de Gestão e Humanização IGH, torna público para conhecimento dos interessados, que fará realizar Processo Seletivo objetivando a contratação de serviços de Coleta,

Leia mais

O ECONOMISTA Fundamental em qualquer empresa por quê?

O ECONOMISTA Fundamental em qualquer empresa por quê? O profissional mais estratégico que a empresa precisa ter: O ECONOMISTA Fundamental em qualquer empresa por quê? Diagnostica. Avalia. Cria. Planeja. Resolve. O Economista é um profissional imprescindível

Leia mais

ITENS DISCRIMINAÇÃO QUANTIDADE 1 Balança em aço inox A-ISI 304 18/8 com uma cuba medindo

ITENS DISCRIMINAÇÃO QUANTIDADE 1 Balança em aço inox A-ISI 304 18/8 com uma cuba medindo EDITAL DE CARTA CONVITE Nº 0/25 PROCESSO Nº 0/25-3ª Convocação 1. PREÂMBULO EDITAL DE LICITAÇÃO OBJETIVANDO AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTOS PARA O CENTRO DE TREINAMENTO, INOVAÇÃO E DIFUSÃO DE TECNOLOGIAS PARA

Leia mais

BOLETIM DE PESSOAL E SERVIÇO - V.3 N º 27 Brasília - DF, 04 de julho de 2008 SUMÁRIO I - DIRETORIA

BOLETIM DE PESSOAL E SERVIÇO - V.3 N º 27 Brasília - DF, 04 de julho de 2008 SUMÁRIO I - DIRETORIA BOLETIM DE PESSOAL E SERVIÇO - V.3 N º 27 Brasília - DF, 04 de julho de 2008 SUMÁRIO I - DIRETORIA 1 II - ÓRGÃOS DE ASSISTÊNCIA DIRETA E IMEDIATA À DIRETORIA DA ANAC a) Gabinete b) Assessoria de Relações

Leia mais

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS RC GERAL

MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS RC GERAL MERCADO BRASILEIRO DE SEGUROS RC GERAL I BIMESTRE -2013 1 O segmento de RC Geral encerrou o I Bimestre com um volume de produção de R$ 130 milhões contra R$ 124 milhões de 2012, um crescimento nominal

Leia mais

DO BACO INFORMA. Brasil Dados Públicos. O que é o DO BACO INFORMA

DO BACO INFORMA. Brasil Dados Públicos. O que é o DO BACO INFORMA especificações Busca textual pré-definida pelo assinante a qualquer conteúdo publicado em 213 Diários Oficiais de 27 Estados. O BACO Informa leva informação onde você estiver. O que é o O BACO INFORMA

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 543, DE 13 DE JANEIRO DE 2015

RESOLUÇÃO Nº 543, DE 13 DE JANEIRO DE 2015 RESOLUÇÃO Nº 543, DE 13 DE JANEIRO DE 2015 Dispõe sobre as Tabelas de Custas e a Tabela de Porte de Remessa e Retorno dos Autos e dá outras providências. O PRESIDENTE DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL, no uso

Leia mais

TERMO DE CONVOCAÇÃO Nº. 001/15 MODALIDADE: CONVITE

TERMO DE CONVOCAÇÃO Nº. 001/15 MODALIDADE: CONVITE TERMO DE CONVOCAÇÃO Nº. 001/15 DATA DE ABERTURA: 22/01/2015 10H (HORÁRIO DE BRASÍLIA) SEDE DA CBVD: RUA AFONSO CELSO, 1221 CJ 36 VL. MARIANA CEP: 041.19-061 - SÃO PAULO/SP - BRASIL A CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA001/2012 TIPO: MENOR PREÇO/MELHOR TÉCNICA

COTAÇÃO PRÉVIA001/2012 TIPO: MENOR PREÇO/MELHOR TÉCNICA COTAÇÃO PRÉVIA001/2012 TIPO: MENOR PREÇO/MELHOR TÉCNICA Abong Associação Brasileira de organizações não governamentais, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 007/2012

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 007/2012 COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 007/2012 A Associação das Cooperativas de Apoio a Economia Familiar ASCOOB, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita no CNPJ sob nº 03.425.488/0001 97, com sede na Avenida

Leia mais

3.5. Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar - CEAP

3.5. Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar - CEAP 3.5. Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar - CEAP 93 Ato da Mesa nº 43, de 2009 Institui a Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar. A CÂMARA DOS DEPUTADOS resolve: Art. 1º Fica instituída

Leia mais

ANEXO 7 MODELOS DE LIVROS E DOCUMENTOS FISCAIS TERMO DE APRESENTAÇÃO ESTADO DE PERNAMBUCO SECRETARIA DA FAZENDA TERMO DE APRESENTAÇÃO

ANEXO 7 MODELOS DE LIVROS E DOCUMENTOS FISCAIS TERMO DE APRESENTAÇÃO ESTADO DE PERNAMBUCO SECRETARIA DA FAZENDA TERMO DE APRESENTAÇÃO ANEXO 7 MODELOS DE LIVROS E DOCUMENTOS FISCAIS TERMO DE APRESENTAÇÃO ESTADO DE PERNAMBUCO SECRETARIA DA FAZENDA TERMO DE APRESENTAÇÃO ESCRITURAÇÃO FISCAL DO A ESCRITURAÇÃO FISCAL A SEGUIR REGISTRADA, REGIDA

Leia mais

INDUSTRIALIZAÇÃO POR ENCOMENDA: EFICIÊNCIA EM PLANEJAMENTO TRIBUTÁRIO. Desenvolvido por:

INDUSTRIALIZAÇÃO POR ENCOMENDA: EFICIÊNCIA EM PLANEJAMENTO TRIBUTÁRIO. Desenvolvido por: INDUSTRIALIZAÇÃO POR ENCOMENDA: EFICIÊNCIA EM PLANEJAMENTO TRIBUTÁRIO. Desenvolvido por: 2014 PRIMEIRA PARTE: DEFINIÇÃO E VANTAGENS O que é a industrialização por encomenda? É uma forma de ganhar eficiência

Leia mais

20/09/2012 SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA ICMS -VINHO

20/09/2012 SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA ICMS -VINHO Treinamento atualizado com base na legislação vigente em: 20/09/2012 SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA ICMS -VINHO JP CONTÁBIL S/S LTDA AGOSTO/2012 Conceituação Consiste na alteração do momento do fato gerador,

Leia mais

(MLRV) TRANSPORTES INTERNACIONAIS JAN A JUNHO DE 2015 SUSEP SES. lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1

(MLRV) TRANSPORTES INTERNACIONAIS JAN A JUNHO DE 2015 SUSEP SES. lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 TRANSPORTES INTERNACIONAIS JAN A JUNHO DE 2015 SUSEP SES lcastiglione@uol.com.br - 011-99283-6616 Página 1 1- INTRODUÇÃO: Lamentavelmente a SUSEP alterou a estrutura de resultados não mais detalhando os

Leia mais

Agência Nacional de Telecomunicações. Entidade Aferidora da Qualidade

Agência Nacional de Telecomunicações. Entidade Aferidora da Qualidade Agência Nacional de Telecomunicações Entidade Aferidora da Qualidade Qualidade da Banda Larga Publicação de Indicadores (Setembro/14) Medição Banda Larga Fixa (SCM) Para a medição da banda larga fixa (SCM)

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Contrato de Repasse do Convênio no SICONV nº 763468/2011-IPD/MDA/BB Modalidade: Melhor técnica e menor preço Entrega da Proposta até dia/hora: 09/05/2013 às 09h30 Valor Referencial

Leia mais

Sobre o CAIS Estatísticas Relatório de Incidentes de Segurança Visão Geral Incidentes envolvendo clientes do PoP-SC

Sobre o CAIS Estatísticas Relatório de Incidentes de Segurança Visão Geral Incidentes envolvendo clientes do PoP-SC Relatório Mensal de Incidentes de Segurança como instrumento de melhoria contínua Rildo Souza Centro de Atendimento a Incidentes de Segurança (CAIS) Agenda Sobre o CAIS Estatísticas Relatório de Incidentes

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Convite nº 081/2007 Fls.

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Convite nº 081/2007 Fls. Convite nº 081/2007 Fls. 1 CARTA CONVITE Processo nº 11784/05 Convite nº 081/2007 Entrega Envelopes até o dia: 15 de junho de 2007, às 14h00. Abertura Envelopes dia: 15 de junho de 2007, às 14h30. A COMISSÃO

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇONº 24/2015, REFERENTE AO CONVÊNIO SICONV Nº794450/2013

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇONº 24/2015, REFERENTE AO CONVÊNIO SICONV Nº794450/2013 TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇONº 24/2015, REFERENTE AO CONVÊNIO SICONV Nº794450/2013 O Instituto Tribos Jovens, associação civil sem fins lucrativos, com sede em Porto Seguro/BA, na Praça

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS. RESOLUÇÃO CNSP N o XXX, DE 20XX.

MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS. RESOLUÇÃO CNSP N o XXX, DE 20XX. MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS RESOLUÇÃO CNSP N o XXX, DE 20XX. Dispõe sobre o capital mínimo requerido para autorização e funcionamento e sobre o plano de regularização de

Leia mais

Agência Nacional de Telecomunicações. Entidade Aferidora da Qualidade

Agência Nacional de Telecomunicações. Entidade Aferidora da Qualidade Agência Nacional de Telecomunicações Entidade Aferidora da Qualidade Qualidade da Banda Larga Publicação de Indicadores (Junho/14) Medição Banda Larga Fixa (SCM) Para a medição da banda larga fixa (SCM)

Leia mais

CFMV Conselho Federal de Medicina Veterinária

CFMV Conselho Federal de Medicina Veterinária CFMV Conselho Federal de Medicina Veterinária Zoot. Adeilton Ricardo da Silva Conselheiro Efetivo Professor da FIMCA e UNIRON Agência IDARON adeiltonricardo@ibest.com.br Sistema CFMV/CRMV: É uma Autarquia

Leia mais