Sumário RESUMO INTRODUÇÃO MATERIAIS E MÉTODOS RESULTADOS CONCLUSÃO E DISCUSSÃO... 17

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Sumário RESUMO INTRODUÇÃO MATERIAIS E MÉTODOS RESULTADOS CONCLUSÃO E DISCUSSÃO... 17"

Transcrição

1 Sumário RESUMO INTRODUÇÃO MATERIAIS E MÉTODOS RESULTADOS CONCLUSÃO E DISCUSSÃO... 17

2 Índice de Figuras FIGURA 1 PROCEDIMENTOS REALIZADOS NO HV-UTP DURANTE O PERÍODO DE AGOSTO DE 26 À MAIO DE FIGURA 2 ESPÉCIES CONSULTADAS NO HV-UTP DURANTE O PERÍODO DE AGOSTO DE 26 À MAIO DE FIGURA 3 IDADE DOS CÃES CONSULTADAS NO HV-UTP DURANTE O PERÍODO DE AGOSTO DE 26 À MAIO DE FIGURA 4 RAÇAS DOS CÃES CONSULTADAS NO HV-UTP DURANTE O PERÍODO DE AGOSTO DE 26 À MAIO DE FIGURA 5 ÁREAS DE ESPECIALIDADE À QUE OS CÃES FORAM ENCAMINHADOS NO HV-UTP DURANTE O PERÍODO DE AGOSTO DE 26 À MAIO DE FIGURA 6 IDADE DOS GATOS CONSULTADAS NO HV-UTP DURANTE O PERÍODO DE AGOSTO DE 26 À MAIO DE FIGURA 7 RAÇAS DOS GATOS CONSULTADAS NO HV-UTP DURANTE O PERÍODO DE AGOSTO DE 26 À MAIO DE FIGURA 9 ÁREAS DE ESPECIALIDADE À QUE OS GATOS FORAM ENCAMINHADOS NO HV-UTP DURANTE O PERÍODO DE AGOSTO DE 26 À MAIO DE FIGURA 1 ESPÉCIES SUBMETIDAS À PROCEDIMENTOS CIRÚRGICOS NO HV-UTP DURANTE O PERÍODO DE AGOSTO DE 26 À MAIO DE II

3 FIGURA 11 IDADE DOS CÃES SUBMETIDOS A PROCEDIMENTOS CIRÚRGICOS NO HV-UTP DURANTE O PERÍODO DE AGOSTO DE 26 À MAIO DE FIGURA 12 ÁREAS DE ESPECIALIDADE À QUE ANIMAIS FORAM SUBMETIDOS A PROCEDIMENTOS CIRÚRGICOS NO HV-UTP DURANTE O PERÍODO DE AGOSTO DE 26 À MAIO DE FIGURA 13 IDADE DOS GATOS SUBMETIDOS A PROCEDIMENTOS CIRÚRGICOS NO HV-UTP DURANTE O PERÍODO DE AGOSTO DE 26 À MAIO DE FIGURA 14 ÁREAS DE ESPECIALIDADE À QUE ANIMAIS FORAM SUBMETIDOS A PROCEDIMENTOS CIRÚRGICOS NO HV-UTP DURANTE O PERÍODO DE AGOSTO DE 26 À MAIO DE III

4 2 Resumo Este trabalho apresenta a casuística do Hospital Veterinário da Universidade Tuiuti do Paraná, compreendido entre o período de agosto de 26 à maio de 27. A casuística abrange todos os procedimentos realizados neste período, espécies consultadas, idade e raça dos animais.

5 1. Introdução 3 Situado no Campus Champagnat, o Hospital Veterinário da Universidade Tuiuti do Paraná (HV-UTP) existe desde o ano de 25 quando o curso de Medicina Veterinária foi transferido do Campus Torres. O HV-UTP fora fundado no ano de 2, para atender as necessidades didáticas e à população. O HV-UTP funciona de segunda a sexta no período das 7:3 até as 18: horas tendo uma hora e meia de almoço das 12: às 13:3 horas. Os pacientes são atendidos com hora marcada devido ao fato de que o HV-UTP é um hospital escola e prioriza o aprendizado e não a quantidade de pacientes. O hospital ainda não dispõe de internamento e residentes, projetos que estão sendo estudados e deverão entrar em vigor até o fim do ano de 27. O corpo clínico é composto de oito professores, das áreas de clinica médica de pequenos animais, clínica cirúrgica de pequenos animais, anestésiologia, acupuntura, diagnóstico por imagem, comportamento e clínica reprodutiva de pequenos animais e clínica de animas de zoológico ou silvestres. A estrutura do HV-UTP compreende em uma recepção, onde os proprietários apresentam-se e esperam serem chamados pelos estagiários que dão inicio à consulta; três consultórios, onde são realizados consultas e procedimentos ambulatoriais; uma sala de radiografia, um centro cirúrgico, vestiário, farmácia, sala de esterilização, canil interno e externo e lavanderia de materiais. Com o objetivo de conhecer a casuística dos atendimentos durante o período de agosto de 26 à abril de 27 apresentou-se a seguinte pesquisa.

6 4 2. Materiais e Métodos 1 Arquivos do HV-UTP 2 Analise estatísticas com quadrados mínimos. 3 - Elaboração do Gráfico no programa Excel(Office XP) 3. Resultados Durante agosto de 26 á maio de 27 o HV-UTP realizou um total de 695 atendimentos, entre eles 89 cirurgias, 339 consulta e 267 reconsultas (figura 1). Figura 1 Procedimentos realizados no HV-UTP durante o período de agosto de 26 à maio de Cirurgias (89) Consultas (339) Reconsultas (267) 5 Procedimentos agosto 26 - maio 27 Dos procedimentos realizados, 48% deles foram consultas, 38% reconsultas e 14% cirurgias.

7 5 No HV-UTP o maior número de procedimentos realizados são as consultas. Totalizando uma porcentagem de 48%, as espécies consultadas foram de 44 felinos, 296 caninos e 1 eqüino, que passou pela clínica apenas para um exame de sangue (Figura 2). Figura 2 Espécies consultadas no HV-UTP durante o período de agosto de 26 à maio de Felinos (44) Caninos (296) Outros (1) 5 Espécies Consultadas Dentre as espécies consultadas no HV-UTP 12% foram gatos, 87% cães e 1% outras espécies. Dos cães atendidos no período de nove meses 62 deles eram filhotes, 46 jovens adultos, 84 adultos, 76 idosose 25 cães de idade indefinida (Figura 3).

8 Figura 3 Idade dos cães consultadas no HV-UTP durante o período de agosto de 26 à maio de Idade dos Canino Atendidos Filhotes - 1 ano (62) Jovens 1-3 anos (46) Adultos 3-8 anos (84) Idosos 8 ou + anos (76) Idade Indefinida (25) A porcentagem apresentada pelo Figura da idade dos cães foi a seguinte: 21% de filhotes, 16% jovens, 29% adultos, 26% idosos e 8% de idade indefinida. Dos cães atendidos no HV-UTP foram contabilizadas também as raças. Entre elas a de maior destaque foi a raça Poodle que apresentou 45 consultas, cães da raça Cocker e da raça Tekel também apresentaram um grande numero de pacientes, sendo eles 22 e 18 cães respectivamente. Na próxima página a Figura 4 mostra as raças de cães atendidas no HV-UTP no período de agosto de 26 à maio de 27.

9 Figura 4 Raças dos cães consultadas no HV-UTP durante o período de agosto 7 de 26 à maio de Raças de Cães (Consultas) Akita (4) Bichon Frise (2) Basset (2) Beagle (1) Boxer (1) Bull Riler (1) Bulldog (1) Cocker (22) Dálmata (1) Tekel (18) Dog Alemão (3) Fila (4) Terrier Brasileiro (1) Golden Retrivier (2) Husky (1) Labrador (5) Lhasa Apso (11) Maltês (6) Pastor Alemão (6) Pintcher (11) Pit Bull (4) Poodle (49) Pug (1) Rottw eiller (15) Schnauzer (7) Seter (1) Sharpei (2) Show Show (2) Shitsu (6) S.R.D. (67) Weimaraner (1) YorkShire (14) Observando a Figura nota-se que 3% dos cães atendidos eram das raças Boxer e Bulldog, 3,7 % dos cães eram das raças Lhasa Apso e Pincher, 4,7 % Yorkshire, 5 % Rottweiller, 6 % Tekel, 7,4 % eram da raça Cocker, 16% da raça Poodle e 22% cães Sem Raça Definida. As raças que apareceram mais vezes no período e que podemos dizer que são as que apresentam maiores problemas de saúde são o Poodle, o Cocker, Tekel, Rottweiller e Yorkshire.

10 8 Ainda em consultas podemos separar os cães atendidos em áreas de especialidades (figura 5), como por exemplo, Dermatologia que apresentou 49 casos dos 296 cães atendidos. Figura 5 Áreas de especialidade à que os cães foram encaminhados no HV-UTP durante o período de agosto de 26 à maio de Consultas em Cães/Especialidades Acupuntura (6) Cardiologia (4) Dermatologia (49) Emergências (4) Endócrinologia (2) Exames Laboratoriais (56) Diágnóstico por Imagem (48) Gastroenterologia (6) Ginecologia (9) Neurologia (6) Odontologia (4) Oftalmologia (47) Oncologia (15) Ortopedia (14) Otorrinologia (9) Outros (12) Urologia (4) As especialidades de maior procura no HV-UTP foram Exames Complementares, totalizando 56% entre exames de sangue e diagnóstico por imagem; Dermatologia, com 16% dos cães consultados e logo em seguida Oftalmologia, com 15% de consultas, uma vez que o HV-UTP dispõe de um especialista em Oftalmologia Veterinária.

11 9 O HV-UTP também realiza atendimentos em gatos, a seguir um Figura mostra a idade dos gatos atendidos no período de agosto de 26 à maio de 27. A faixa etária de maior incidência foi a de filhotes até um ano de idade totalizando 16 atendimentos (figura 6). Figura 6 Idade dos gatos consultadas no HV-UTP durante o período de agosto de 26 à maio de Idade dos Gatos Atendidos Filhotes - 1 ano (16) Jovens 1-3 anos (4) Adultos 3-8 anos (11) Idosos 8 ou + anos (5) Idade Indefinida (6) Observando o Figura, pode-se constatar que 37% dos gatos consultados no HV- UTP foram filhotes, 1% jovens, 25% adultos, 13% idosos e 15% sem idade definida. Não diferente dos cães, a próximo Figura apresenta o número de animais relacionados por raças que foram consultados no HV-UTP. O Figura 7 mostra as raças Siamês e Persa ambas com 7 Atendimentos.

12 Figura 7 Raças dos gatos consultadas no HV-UTP durante o período de agosto de 26 à maio de Angorá (1) Persa (7) Siamês (7) S.R.D. (28) Raças Gatos (consultas) Os gatos Sem Raça Definida (SRD) aparecem com 63% das consultas, Persa e Siamês com 15% e o Angorá com 6%. Quando tratando-se de gatos, as áreas de especialização procuradas diferem um pouco dos cães (Figura 8). A especialidade de maior procura foi a oftalmologia com seis atendimentos, a dermatologia aparece com quatro atendimentos e a urologia com três.

13 Figura 9 Áreas de especialidade à que os gatos foram encaminhados no HV-UTP durante o período de agosto de 26 à maio de Consultas Gatos/ Especialidades Cardiologia(1) Dermatologia (4) Emergência (1) Diagnóstico por Imagem(14) Odontologia (1) Oftalmologia(6) Oncologia (2) Ortopedia(2) Outros (5) Urologia (3) Dos gatos consultados 13% apresentavam problemas oftálmicos, 9% problemas dermatológicos, 6% urológicos, 4% oncológicos e ortopédicos, 2% cardíacos e emergências e 11% foram encaminhados a outras áreas de especialização. Com 14% dos procedimentos realizados no HV-UTP as cirurgias são realizadas segunda, terça, quarta e sexta feiras apenas no período da tarde sendo marcada apenas uma cirurgia por dia por para fins didáticos. As espécias submetidas a cirurgias no período de agosto de 26 à maio de 27 (Figura 1) foram as seguintes: 12 gatos, 74 cães e 2 animais de outras espécies: Um bovino e um Ovino.

14 Figura 1 Espécies submetidas à procedimentos cirúrgicos no HV-UTP durante o período de agosto de 26 à maio de Animais Submetidos á Procedimentos Cirúgicos Felinos (13) Caninos (74) Outros (2) Dos procedimentos cirúrgicos realizados no HV-UTP, 14% foram em gatos, 83% em cães e 3% em outras espécies. Em relação à idade dos cães submetidos à cirurgia, 24 foram filhotes e 21 adultos, as outras faixas etárias totalizaram 27 procedimentos (Figura 11).

15 Figura 11 Idade dos cães submetidos a procedimentos cirúrgicos no HV- UTP durante o período de agosto de 26 à maio de Idade de Cães Submetidos á Procedimentos Ciúrgicos Filhotes - 1 ano (24) Jovens 1-3 anos (8) Adultos 3-8 anos (21) Idosos 8 ou + anos (1) Idade Indefinida (11) Os procedimentos cirúrgicos realizados em cães aparecem sendo 33% em filhotes, 11% em jovens, 29% em adultos, 13% em idosos e 14% em cães de idade indefinida. As áreas de especialidades procuradas para procedimentos cirúrgicos aparecem no Figura 12. A área de maior procura em cães foi a da ginecologia, mais especificamente Ováriosalpingohisterectomia.

16 14 Figura 12 Áreas de especialidade à que animais foram submetidos a procedimentos cirúrgicos no HV-UTP durante o período de agosto de 26 à maio de Cirurgias em Cães/Especialidades Obstetrícia (25) Odontologia (7) Oftalmologia (11) Oncologia (8) Ortopedia (8) Outros (7) Urologia (8) Dos procedimentos cirúrgicos realizados no HV-UTP os que se destacaram foram: Ginecologia, com 33% dos casos, em seguida Oftalmologia com 14% e os outros procedimentos não ultrapassaram os 1%. Em relação aos gatos submetidos a procedimentos cirúrgicos no HV-UTP, eles dispõem-se separados em 2 Figuras: Um em idade (Figura 13), e outro em área de especialização (Figura 14).

17 Figura 13 Idade dos gatos submetidos a procedimentos cirúrgicos no HV- UTP durante o período de agosto de 26 à maio de ,5 3 2,5 2 1,5 1,5 Idade de Gatos Submetidos á Procedimentos Cirúrgicos Filhotes - 1 ano (4) Jovens 1-3 ano (1) Adultos 3-8 anos (4) Idosos 8 ou + anos (1) Idade Indefinida (3) Em filhotes e adultos o índice foi de 3%, em jovens e idosos 7% e em gatos de idade desconhecida foi de 23%. Nas especialidades, os gatos apresentaram o maior número de casos em Oftalmologia totalizando quatro (Fig 14).

18 16 Figura 14 Áreas de especialidade à que animais foram submetidos a procedimentos cirúrgicos no HV-UTP durante o período de agosto de 26 à maio de Obstetrícia (3) Odontologia (1) Oftalmologia(4) Ortopedia (2) Urologia (3) Cirurgias em Gatos/Especialidades Os resultados em procedimentos em gatos foram: 31% em Oftalmologia, 23% em Urologia e Ginecologia, 8% em Odontologia e 15% em Ortopedia.

19 4. Conclusão e Discussão 17 Em cães o resultado apresentou animas da raça poodle, os cães que foram submetidos ao maior número de procedimentos. Em relação a idade, filhotes e adultos apresentaram-se mais numerosos em consultas e cirurgias, mas em consultas os idosos também apresentaram um número. Dentro das cirurgias, a maior quantidade foi a de cirurgias de castração e em consultas um grande número na área de oftalmologia devido ao especialista clinicando no HV-UTP. Dos procedimentos realizados 48% deles foram consultas, 38% reconsultas e 14% cirurgias. No HV-UTP o maior número de procedimentos realizados são as consultas. Totalizando uma porcentagem de 48%.

SERVIÇO DE CLÍNICA MÉDICA DE PEQUENOS ANIMAIS DO INSTITUTO FEDERAL CATARINENSE - CÂMPUS CONCÓRDIA

SERVIÇO DE CLÍNICA MÉDICA DE PEQUENOS ANIMAIS DO INSTITUTO FEDERAL CATARINENSE - CÂMPUS CONCÓRDIA SERVIÇO DE CLÍNICA MÉDICA DE PEQUENOS ANIMAIS DO INSTITUTO FEDERAL CATARINENSE - CÂMPUS CONCÓRDIA Voese, Francine Maiara 1 ; Rosa, Débora Fernanda da 1 ; Olsson, Débora Cristina1; Faria, Joice Lara Maia

Leia mais

Associação Médica de Assistência I ntegrada

Associação Médica de Assistência I ntegrada Circular aos Associados (Convênio BACEN) 39/10 Comunicamos aos associados que a partir de 15 de abril de 2010 as guias de atendimento, relativas às consultas e visitas hospitalares deverão ser preenchidas

Leia mais

Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul

Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul CLASSIFICADOS PARA SEGUNDA FASE POR NÚMERO DE INSCRIÇÃO 1- ACESSO DIRETO Anestesiologia 107432 107463 107594 107643 107756 107927 107935 108135 108404 108533 108550 108571 108582 Cirurgia Geral 107377

Leia mais

Sr Salvatore Tripoli P1 Sra Elena Agafanova P2 Sr Evelio Fernandez Hernandez P3 Sr Walter de Castro Coutinho P4

Sr Salvatore Tripoli P1 Sra Elena Agafanova P2 Sr Evelio Fernandez Hernandez P3 Sr Walter de Castro Coutinho P4 09:00hs às 10:00 hs Pastor Branco Suiço - 1 Dogo Argentino Braco Alemão Pelo Curto Pastor Maremano Abruzes - 1 Mastino Napolitano Australian Cattle Dog - 2 Dogue Alemão Azul Pastor de Shetland - 1 Cane

Leia mais

UNIVERSIDADE TUIUTI DO PARANÁ FACULDADE DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE Rafael Palhano da Luz RELATÓRIO DE ESTÁGIO CURRICULAR

UNIVERSIDADE TUIUTI DO PARANÁ FACULDADE DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE Rafael Palhano da Luz RELATÓRIO DE ESTÁGIO CURRICULAR UNIVERSIDADE TUIUTI DO PARANÁ FACULDADE DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE Rafael Palhano da Luz RELATÓRIO DE ESTÁGIO CURRICULAR CURITIBA 2008 RAFAEL PALHANO DA LUZ RELATÓRIO DE ESTÁGIO CURRICULAR Trabalho

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DA RESIDÊNCIA MÉDICA PARA O ANO DE 2015 RELATÓRIO DE CONCORRÊNCIA

PROCESSO SELETIVO DA RESIDÊNCIA MÉDICA PARA O ANO DE 2015 RELATÓRIO DE CONCORRÊNCIA 01 - ÁREAS BÁSICAS COM ACESSO DIRETO Acupuntura - 2 anos 2 2 1,0 Anestesiologia - 3 anos 33 290 8,8 Cirurgia Geral - 2 anos 42 294 7,0 Clínica Médica - 2 anos 86 435 5,1 Dermatologia - 3 anos 10 110 11,0

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PARA INGRESSO NOS CARGOS DO QUADRO PERMANENTE DA SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DA PREFEITURA DE CALDAS NOVAS.

CONCURSO PÚBLICO PARA INGRESSO NOS CARGOS DO QUADRO PERMANENTE DA SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DA PREFEITURA DE CALDAS NOVAS. CONCURSO PÚBLICO PARA INGRESSO NOS CARGOS DO QUADRO PERMANENTE DA SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DA PREFEITURA DE CALDAS NOVAS. ANEXO I GRUPOS OCUPACIONAIS, CARGOS, NÚMERO DE VAGAS DESTINADAS À AMPLA CONCORRÊNCIA

Leia mais

HOSPITAL DAS FORÇAS ARMADAS PROCESSO SELETIVO PÚBLICO PARA ADMISSÃO DE MÉDICOS RESIDENTES 2016 RELAÇÃO DE CANDIDATOS HOMOLOGADOS

HOSPITAL DAS FORÇAS ARMADAS PROCESSO SELETIVO PÚBLICO PARA ADMISSÃO DE MÉDICOS RESIDENTES 2016 RELAÇÃO DE CANDIDATOS HOMOLOGADOS HOSPITAL DAS FORÇAS ARMADAS PROCESSO SELETIVO PÚBLICO PARA ADMISSÃO DE MÉDICOS RESIDENTES 2016 RELAÇÃO DE CANDIDATOS HOMOLOGADOS (Relação divulgada em 30/11/2015) 107 Medicina Intensiva 6 candidatos 132100563

Leia mais

CLÍNICA MÉDICA DE PEQUENOS ANIMAIS

CLÍNICA MÉDICA DE PEQUENOS ANIMAIS CLÍNICA MÉDICA DE PEQUENOS ANIMAIS Santos, Março de 2014. Nível do Curso Pós-graduação Lato Sensu em nível de especialização. Titulação Especialista em Clinica Médica de Pequenos Animais Direção e Coordenação

Leia mais

EXTRATOS DE TERMOS ADITIVOS DE CONTRATO - DEZEMBRO DE 2012

EXTRATOS DE TERMOS ADITIVOS DE CONTRATO - DEZEMBRO DE 2012 EXTRATOS DE TERMOS ADITIVOS DE CONTRATO - DEZEMBRO DE 2012 CONTRATO: Primeiro Termo Aditivo ao Contrato 041/CISMNORTE/2012. OBJETO: Prestação de Serviços Médicos na Especialidade de Cardiologia. CONTRATADA:

Leia mais

CURRICULUM VITAE 3. ATIVIDADES EXERCIDAS DURANTE A VIDA ACADÊMICA A) PEQUENOS ANIMAIS (DURAÇÃO MAIOR DE 4O HORAS)

CURRICULUM VITAE 3. ATIVIDADES EXERCIDAS DURANTE A VIDA ACADÊMICA A) PEQUENOS ANIMAIS (DURAÇÃO MAIOR DE 4O HORAS) CURRICULUM VITAE 1. IDENTIFICAÇÃO/DADOS PESSOAIS Nome: Ricardo Martins de Azevedo Castro Guglielmi 2. FORMAÇÃO SUPERIOR Curso Superior de Medicina Veterinária Universidade Anhembi Morumbi Ano de conclusão:

Leia mais

Curso de Medicina da Universidade Iguaçu Campus Itaperuna

Curso de Medicina da Universidade Iguaçu Campus Itaperuna Curso de Medicina da Universidade Iguaçu Campus Itaperuna Estrutura Curricular do Curso de Medicina da Universidade Iguaçu - Itaperuna A construção da estrutura curricular do Curso de Medicina da Universidade

Leia mais

LISTA TELEFÓNICA HOSPITAL PADRE AMÉRICO - PENAFIEL (DIVULGAÇÃO EXTERNA)

LISTA TELEFÓNICA HOSPITAL PADRE AMÉRICO - PENAFIEL (DIVULGAÇÃO EXTERNA) LISTA TELEFÓNICA HOSPITAL PADRE AMÉRICO - PENAFIEL (DIVULGAÇÃO EXTERNA) PISO 0 CASA MORTUÁRIA SERVIÇOS GERAIS (ESPÓLIO) 30037 GABINETE 914208510 31501 SECRETARIADO 255714434 GABINETE MÉDICO LEGAL 30023

Leia mais

CIRURGIÃO. Dr. Lucas Dehnhardt CRMV

CIRURGIÃO. Dr. Lucas Dehnhardt CRMV PROJETO CASTRAÇÃO Criado pelo Dr. Lucas com o objetivo de esterelizar caninos e felinos dentro de um ambiente hospitalar humano. Protocolos foram estabelecidos visando gerar o menor risco possivel de contaminações.

Leia mais

MÉDICO - CANCEROLOGIA CLÍNICA C A D B E C E A D A B C D A E B C D C D A D E B B MÉDICO - CANCEROLOGIA PEDIÁTRICA E D D E A C D C C E E D B C E A C C E

MÉDICO - CANCEROLOGIA CLÍNICA C A D B E C E A D A B C D A E B C D C D A D E B B MÉDICO - CANCEROLOGIA PEDIÁTRICA E D D E A C D C C E E D B C E A C C E Gabarito Definitivo MATERNIDADE ESCOLA ASSIS CHATEAUBRIAND DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ - MEAC-UFC E HOSPITAL UNIVERSITÁRIO WALTER CANTÍDIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ - HUWC-UFC CONCURSO PÚBLICO

Leia mais

No Edital GDG 003/2015, do Processo Seletivo para Estágio de Formação,

No Edital GDG 003/2015, do Processo Seletivo para Estágio de Formação, RETIFICAÇÃO No Edital GDG 003/015, do Processo Seletivo para Estágio de Formação, Onde se lê: 5. DAS 5.1 ESPECIALIDADES CLÍNICAS - Comprovação de pré-requisito de dois anos em Clínica Médica em programa

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BLUMENAU SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PÚBLICO SIMPLIFICADO 001/2017 ANEXO I

PREFEITURA MUNICIPAL DE BLUMENAU SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PÚBLICO SIMPLIFICADO 001/2017 ANEXO I Assistente Social ANEXO I CARGOS,, E VENCIMENTOS NÍVEL SUPERIOR Diploma de Formação Superior Completa em Serviço Social, com registro no Conselho Regional Buco-Maxilo-Facial de Odontologia (CRO), e Especialização

Leia mais

COMO DAR A SUA OPINIÃO Reclamar, Elogiar e Sugerir

COMO DAR A SUA OPINIÃO Reclamar, Elogiar e Sugerir COMO DAR A SUA OPINIÃO Reclamar, Elogiar e Sugerir GABINETE DO CIDADÃO Revisão em: Fevereiro 2017 Reclamação, Elogio ou Sugestão no HSJ Hospital de São José - Gabinete do Cidadão Hospitais de Sta. Marta,

Leia mais

Total º Período. Administração 30 Anatomia veterinária II 90 Anatomia veterinária I Bioquímica 90 Comportamento humano nas

Total º Período. Administração 30 Anatomia veterinária II 90 Anatomia veterinária I Bioquímica 90 Comportamento humano nas Matriz curricular do curso de Medicina Veterinária IFMG- Bambuí 1º Período Código Disciplina Carga Horária Anatomia I 90 Citologia 60 Ecologia Geral Estatística 60 Bem-estar animal e etologia Informática

Leia mais

Descrição dos serviços e carências Fazul Pet. Transporte do Animal ao Veterinário: Somente em caso de Lesões Acidentais.

Descrição dos serviços e carências Fazul Pet. Transporte do Animal ao Veterinário: Somente em caso de Lesões Acidentais. Descrição dos serviços e carências Fazul Pet Serviços Emergenciais Transporte do Animal ao Veterinário: Somente em caso de Lesões Acidentais. o Produto I até R$ 100 por evento. o Produto II - até R$ 100

Leia mais

Pré-requisito Coreq Disciplina MD Biologia Celular - Ativa desde: 01/01/2014. Natureza - OBRIGATÓRIA PRÁTICA 18 TEÓRICA 36

Pré-requisito Coreq Disciplina MD Biologia Celular - Ativa desde: 01/01/2014. Natureza - OBRIGATÓRIA PRÁTICA 18 TEÓRICA 36 1 de 6 Nível:BACHARELADO Início: 20081 01 - - MD14101 - Biologia Celular - Ativa desde: MD14102 - Anatomia Humana I - Ativa desde: MD14103 - Embriologia e Histologia Humana I - Ativa desde: MD14104 - Fisiologia

Leia mais

PRÉ-REQUISITOS MEDICINA MATRIZ CURRICULAR 2017

PRÉ-REQUISITOS MEDICINA MATRIZ CURRICULAR 2017 PRÉ-REQUISITOS MEDICINA MATRIZ CURRICULAR 2017 1º PERÍODO CÓDIGO DISCIPLINAS C/H CÓDIGO DISCIPLINAS C/H MD17101 Biologia Celular MD17102 Anatomia Humana I 108 MD17103 Embriologia e Histologia Humana I

Leia mais

ANEXO II PROGRAMAS DA PROVA ESCRITA

ANEXO II PROGRAMAS DA PROVA ESCRITA ANEXO II PROGRAMAS DA PROVA ESCRITA s com Acesso Direto Anestesiologia Cirurgia Geral Clínica Médica Dermatologia Infectologia Medicina da Família e Comunidade Medicina Nuclear Neurocirurgia Neurologia

Leia mais

ANEXO II PROGRAMAS DA PROVA ESCRITA

ANEXO II PROGRAMAS DA PROVA ESCRITA ANEXO II PROGRAMAS DA PROVA ESCRITA s com Acesso Direto Anestesiologia Cirurgia Geral Clínica Médica Dermatologia Infectologia Medicina da Família e Comunidade Medicina Nuclear Neurocirurgia Neurologia

Leia mais

Domingo, 2 de Dezembro de 2007

Domingo, 2 de Dezembro de 2007 8ª EXPOSIÇÃO CANINA INTERNACIONAL DE SANTARÉM (CAC/CACIB) Domingo, 2 de Dezembro de 2007 EXPOSIÇÃO DE CAMPEONATO INTERNACIONAL organizada pelo CNEMA Centro Nacional de Exposições e Mercados Agrícolas SA,

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA DE TELECONSULTORIA MANUAL DO SOLICITANTE V.2013

MANUAL DO SISTEMA DE TELECONSULTORIA MANUAL DO SOLICITANTE V.2013 MANUAL DO SISTEMA DE TELECONSULTORIA MANUAL DO SOLICITANTE V.2013 CENTRO DE TELESSAÚDE DO HOSPITAL DAS CLÍNICAS DA UFMG REDE DE TELEASSISTÊNCIA DE MINAS GERAIS MARÇO DE 2016 1. Apresentação A (RTMG) é

Leia mais

CLÍNICA MÉDICA SAÚDE BRASIL FRANQUIA

CLÍNICA MÉDICA SAÚDE BRASIL FRANQUIA CLÍNICA MÉDICA SAÚDE BRASIL FRANQUIA QUEM SOMOS Rede de Clínicas Médicas com especialidades múltiplas, cujo propósito é oferecer consultas médicas e exames complementares confiáveis, com dedicação, seriedade,

Leia mais

NOTA EXPLICATIVA REPESCAGEM

NOTA EXPLICATIVA REPESCAGEM NOTA EXPLICATIVA REPESCAGEM O Coordenador Geral da Seleção Unificada para os Programas de Residência Médica do Estado do Ceará, no exercício de suas atribuições, considerando a necessidade de preenchimento

Leia mais

Grade FTC Salvador MEDICINA. 1º semestre CH. Disciplina 1 NEOC I - Sessão Tutoral 100. Disciplina 2 NEOC I - Morfofisiologia Anatomia 40

Grade FTC Salvador MEDICINA. 1º semestre CH. Disciplina 1 NEOC I - Sessão Tutoral 100. Disciplina 2 NEOC I - Morfofisiologia Anatomia 40 Grade 2016.1 1º semestre CH Disciplina 1 NEOC I - Sessão Tutoral 100 Disciplina 2 NEOC I - Morfofisiologia Anatomia 40 Disciplina 3 NEOC I - Morfofisiologia Fisiologia 60 Disciplina 4 NEOC I - Morfofisiologia

Leia mais

RELATÓRIO DE CONCORRÊNCIA

RELATÓRIO DE CONCORRÊNCIA 23 - ENFERMAGEM ENFERMAGEM CIRÚRGICA 11 65 5,9 ENFERMAGEM EM CANCEROLOGIA 8 41 5,1 ENFERMAGEM EM CARDIOLOGIA 9 41 4,6 ENFERMAGEM EM CENTRO CIRÚRGICO 2 11 5,5 ENFERMAGEM EM EMERGÊNCIA GERAL 5 40 8,0 ENFERMAGEM

Leia mais

CURRÍCULO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA DA UFSC. Atualizado para

CURRÍCULO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA DA UFSC. Atualizado para SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE COORDENADORIA DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA HOSPITAL UNIVERSITÁRIO BLOCO E3 (DIDÁTICO-PEDAGÓGICO)

Leia mais

SNS Recursos Humanos. Dados de junho de Recursos Humanos do SNS por Região. Nº total de Profissionais Nº de Médicos e Enfermeiros.

SNS Recursos Humanos. Dados de junho de Recursos Humanos do SNS por Região. Nº total de Profissionais Nº de Médicos e Enfermeiros. Recursos Humanos do SNS por Região Nº total de Profissionais Nº de Médicos e Enfermeiros 40 740 9 941 13 450 23 894 5 118 8 171 Serviços Centrais 62 42 140 Serviços Centrais 3.528 9 414 13 466 200 Médicos

Leia mais

DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 092/2016

DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 092/2016 DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 092/2016 Altera a Deliberação Consep Nº 291/2014, que dispõe sobre o Currículo do Curso de Medicina, regime seriado semestral. O CONSELHO DE ENSINO E PESQUISA, na conformidade do

Leia mais

OUVIDORIA RELATÓRIO DE ATIVIDADES MAIO A AGOSTO 2015

OUVIDORIA RELATÓRIO DE ATIVIDADES MAIO A AGOSTO 2015 OUVIDORIA RELATÓRIO DE ATIVIDADES MAIO A AGOSTO 2015 ADMINISTRAÇÃO CENTRAL Presidente Prof. Amarilio Vieira de Macedo Neto Vice-Presidente Médico Profª Nadine Oliveira Clausell Vice-Presidente Administrativo

Leia mais

DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 281/2006

DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 281/2006 DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 281/2006 Altera o Currículo Pleno do Curso de Medicina disposto pelas Deliberações CONSEP Nº 334/2002 e CONSEP Nº 001/2005. O CONSELHO DE ENSINO E PESQUISA, na conformidade do Processo

Leia mais

Concurso para Emprego Público Nível Superior

Concurso para Emprego Público Nível Superior PREFEITURA MUNICIPAL DE UBERLÂNDIA FUNDAÇÃO SAÚDE DO MUNICÍPIO DE UBERLÂNDIA ESTADO DE MINAS GERAIS Concurso para Emprego Público Nível Superior REF. EDITAL N 01/2015 GABARITO PÓS-RECURSOS MANHÃ NÍVEL

Leia mais

DADOS E INDICADORES HOSPITALAR

DADOS E INDICADORES HOSPITALAR DADOS E INDICADORES HOSPITALAR - 2015 INDICADORES JAN FEV MAR ABR MAI JUN JUL AGO SET OUT NOV DEZ TOTAL DIÁRIA INTERNAÇÕES 2.209 2.005 2.380 2.214 2.095 2.164 2.126 2.240 17.433 2.179 73 ALTAS 2.184 2.002

Leia mais

Centro Cultural e Desportivo dos Trabalhadores da Câmara e Serviços Municipalizados

Centro Cultural e Desportivo dos Trabalhadores da Câmara e Serviços Municipalizados BOLETIM CCD Setembro de 2011 Número 18 ma ia ccd. wordpress. com Centro Cultural e Desportivo dos Trabalhadores da Câmara e Serviços Municipalizados Hospitalcuf Porto e Institutocuf estabelecem parceria

Leia mais

Resolução UNESP 75, de dezembro de 2004 alterada pela Resolução UNESP 63/06

Resolução UNESP 75, de dezembro de 2004 alterada pela Resolução UNESP 63/06 Resolução UNESP 75, de dezembro de 2004 alterada pela Resolução UNESP 63/06 1ª Série Anatomia Humana 432 Anatomia Radiológica 36 Bioestatística I 30 Bioestatística II 36 Biofísica 108 Biologia Celular

Leia mais

ERRATA DE EDITAL ONDE SE LÊ: EM, 27/11/2015

ERRATA DE EDITAL ONDE SE LÊ: EM, 27/11/2015 EM, 27/11/2015 ERRATA DE EDITAL A SECRETARIA ESTADUAL DE SAÚDE/PE torna público a ERRATA do edital do Processo Seletivo da RESIDÊNCIA MÉDICA para o ano de 2016 publicado no DOE 14/11/2015, que será realizado

Leia mais

Normas para realização do estágio curricular obrigatório em medicina veterinária na área de clínica e cirurgia de pequenos animais no HCV-UFRGS

Normas para realização do estágio curricular obrigatório em medicina veterinária na área de clínica e cirurgia de pequenos animais no HCV-UFRGS Anexo I REGULAMENTO DO ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO EM MEDICINA VETERINÁRIA NO HOSPITAL DE CLÍNICAS VETERINÁRIAS DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL (HCV-UFRGS) Normas para realização do estágio

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PARA INGRESSO NOS CARGOS DO QUADRO PERMANENTE DA SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DA PREFEITURA DE CALDAS NOVAS.

CONCURSO PÚBLICO PARA INGRESSO NOS CARGOS DO QUADRO PERMANENTE DA SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DA PREFEITURA DE CALDAS NOVAS. PREFEITURA MUNICIPAL DE CALDAS NOVAS EDITAL 001/2016 CONCURSO PÚBLICO PARA INGRESSO NOS CARGOS DO QUADRO PERMANENTE DA SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DA PREFEITURA DE CALDAS NOVAS. ANEXO I (Retificado pelos

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PARA INGRESSO NOS CARGOS DO QUADRO PERMANENTE DA SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DA PREFEITURA DE CALDAS NOVAS.

CONCURSO PÚBLICO PARA INGRESSO NOS CARGOS DO QUADRO PERMANENTE DA SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DA PREFEITURA DE CALDAS NOVAS. PREFEITURA MUNICIPAL DE CALDAS NOVAS EDITAL 001/2016 CONCURSO PÚBLICO PARA INGRESSO NOS CARGOS DO QUADRO PERMANENTE DA SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DA PREFEITURA DE CALDAS NOVAS. ANEXO I (Retificado pelos

Leia mais

Resultado da Pesquisa

Resultado da Pesquisa Cidade Especialidade Produtos/Serviços Pesquisar Resultado da Pesquisa CARLOS ANDRÉ TONELLI - CLÍNICA TONELLI Registro profissional: 6702 ENDOCRINOLOGIA Rua Antônio de Lucca, 165 Pio Corrêa - Criciúma/Santa

Leia mais

QUADRO GERAL DE HORÁRIOS MEDICINA VETERINÁRIA

QUADRO GERAL DE HORÁRIOS MEDICINA VETERINÁRIA DISCIPLINAS OPTATIVAS AGRONEGÓCIO, CIÊNCIA E EVOLUÇÃO A 10:00-11:39 EVZ/CENTRO AULAS/SL. 104 B 13:10-14:49 EVZ/DPA/SL. 1 MEDICINA E PRODUÇÃO DE RÉPTEIS A 14:00-15:39 EVZ/ST. PREVENTIVA/SL. 16 MEDICINA

Leia mais

DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 228/2013

DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 228/2013 DELIBERAÇÃO CONSEP Nº 228/2013 Altera a Deliberação CONSEP Nº 179/2012, que altera o Currículo do Curso de Medicina para regime seriado semestral. O CONSELHO DE ENSINO E PESQUISA, na conformidade do Processo

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DA RESIDÊNCIA MÉDICA PARA O ANO DE 2017 RELATÓRIO DE CONCORRÊNCIA

PROCESSO SELETIVO DA RESIDÊNCIA MÉDICA PARA O ANO DE 2017 RELATÓRIO DE CONCORRÊNCIA 01 - A REAS BA SICAS COM ACESSO DIRETO ACUPUNTURA 2 2 1,00 ANESTESIOLOGIA 32 320 10,00 CIRURGIA GERAL 36 360 10,00 CLI NICA ME DICA 94 480 5,11 DERMATOLOGIA 10 151 15,10 INFECTOLOGIA 9 14 1,56 MEDICINA

Leia mais

Hospital de Proximidade de Amarante

Hospital de Proximidade de Amarante Hospital de Proximidade de Amarante Novo Hospital de Amarante: Saúde de Proximidade A funcionar desde Dezembro do ano passado, e dotado das mais avançadas tecnologias, o novo Hospital de Amarante é a concretização

Leia mais

Casa de Portugal e Beneficência Portuguesa de São Paulo: PARCEIROS HÁ MAIS DE 80 ANOS

Casa de Portugal e Beneficência Portuguesa de São Paulo: PARCEIROS HÁ MAIS DE 80 ANOS Casa de Portugal e Beneficência Portuguesa de São Paulo: PARCEIROS HÁ MAIS DE 80 ANOS A Beneficência Portuguesa de São Paulo e a Casa de Portugal tem a mesma origem e cooperam entre si há mais de 80 anos.

Leia mais

Estudo Restrospectivo da casuística...

Estudo Restrospectivo da casuística... 301 ESTUDO RETROSPECTIVO DA CASUÍSTICA DE CADELAS E GATAS COM PARTO DISTÓCICO ATENDIDOS NO HOSPITAL VETERINÁRIO UNIVIÇOSA ENTRE 2010 A 20141 Clarisse Alvim Portilho2, Alessandra Arreguy3, Anna Laura Alves

Leia mais

MOVIMENTO GERAL DO HOSPITAL

MOVIMENTO GERAL DO HOSPITAL MOVIMENTO GERAL DO HOSPITAL SERVIÇOS OFERECIDOS PELO HOSPITAL OBJETIVO: Oferecer aos nossos clientes, pacientes, profissionais, médicos, enfermagem, técnicos e administrativos, dentro do possível, um hospital

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PÚBLICO DO HCPA PARA RESIDÊNCIAS MÉDICAS/2015 COM PRÉ-REQUISITOS

PROCESSO SELETIVO PÚBLICO DO HCPA PARA RESIDÊNCIAS MÉDICAS/2015 COM PRÉ-REQUISITOS PROGRAMAS DE ESPECIALIDADES MÉDICAS 1) Gabarito Preliminar da prova para os Programas de Especialidades Médicas de Cancerologia Clínica, Cardiologia, Endocrinologia e Metabologia, Gastroenterologia, Geriatria,

Leia mais

Anexo V - Critérios para a Prova de Títulos Edital nº 455 de 17 de julho de 2017

Anexo V - Critérios para a Prova de Títulos Edital nº 455 de 17 de julho de 2017 Anexo V - Critérios para a Prova de Títulos Edital nº 455 de 17 de julho de 2017 Cargo/ Área de Atuação: Médico Cardiologia (Opção de Vaga: A-117) Em Cardiologia pela Sociedade Brasileira de Cardiologia

Leia mais

DIAGNÓSTICO CLÍNICO E HISTOPATOLÓGICO DE NEOPLASMAS CUTÂNEOS EM CÃES E GATOS ATENDIDOS NA ROTINA CLÍNICA DO HOSPITAL VETERINÁRIO DA UNIVIÇOSA 1

DIAGNÓSTICO CLÍNICO E HISTOPATOLÓGICO DE NEOPLASMAS CUTÂNEOS EM CÃES E GATOS ATENDIDOS NA ROTINA CLÍNICA DO HOSPITAL VETERINÁRIO DA UNIVIÇOSA 1 361 DIAGNÓSTICO CLÍNICO E HISTOPATOLÓGICO DE NEOPLASMAS CUTÂNEOS EM CÃES E GATOS ATENDIDOS NA ROTINA CLÍNICA DO HOSPITAL VETERINÁRIO DA UNIVIÇOSA 1 Márcia Suelen Bento 2, Marcelo Oliveira Chamelete 3,

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS E FORMAÇÃO DE CADASTRO RESERVA EM CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR E DE NÍVEL MÉDIO

MINISTÉRIO DA SAÚDE CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS E FORMAÇÃO DE CADASTRO RESERVA EM CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR E DE NÍVEL MÉDIO Analista em C&T Júnior Área: Comunicação Social Jornalismo 332 0 Cadastro de Reserva Analista em C&T Júnior Área: Comunicação Social Relações Públicas 56 0 Cadastro de Reserva Analista em C&T Júnior Área:

Leia mais

CODIGO DISCIPLINA PERÍODO BA027 Acupuntura 6º PERÍODO BA031 Anatomia Médica I 1º PERÍODO BA033 Neuroanatomia 2º PERÍODO BA034 Esplancnologia 2º

CODIGO DISCIPLINA PERÍODO BA027 Acupuntura 6º PERÍODO BA031 Anatomia Médica I 1º PERÍODO BA033 Neuroanatomia 2º PERÍODO BA034 Esplancnologia 2º CODIGO DISCIPLINA PERÍODO BA027 Acupuntura 6º PERÍODO BA031 Anatomia Médica I 1º PERÍODO BA033 Neuroanatomia 2º PERÍODO BA034 Esplancnologia 2º PERÍODO BA045 Anatomia Humana Prática com Dissecação 4º PERÍODO

Leia mais

Luana Nayr TEISCHMANN 2 Elizângela Luiza Barbosa LUIZ 3 Cláudio de Oliveira BRANDÃO 4. Instituto Cuiabá de Ensino e Cultura, Cuiabá, MT

Luana Nayr TEISCHMANN 2 Elizângela Luiza Barbosa LUIZ 3 Cláudio de Oliveira BRANDÃO 4. Instituto Cuiabá de Ensino e Cultura, Cuiabá, MT Estudo de Mercado: viabilidade da abertura de um Pet Shop na região do bairro Quilombo em Cuiabá 1 Luana Nayr TEISCHMANN 2 Elizângela Luiza Barbosa LUIZ 3 Cláudio de Oliveira BRANDÃO 4 Instituto Cuiabá

Leia mais

Informativo INFORMATIVO CBKC - No

Informativo INFORMATIVO CBKC - No ÍNDICE RELATÓRIO ANUAL DE ATIVIDADES ANO 2005 2005 ANNUAL ACTIVITIES REPORT CAPÍTULO I - DO SERVIÇO DE REGISTRO GENEALÓGICO CHAPTER I - PEDIGREE REGISTRATION SERVICE 1. Panorama geral do serviço de registro

Leia mais

ITPAC - INSTITUTO TOCANTINENSE PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS LTDA. FAHESA

ITPAC - INSTITUTO TOCANTINENSE PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS LTDA. FAHESA ITPAC - INSTITUTO TOCANTINENSE PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS LTDA. FAHESA Faculdade de Ciências Humanas, Econômicas e de Saúde de Araguaína Av. Filadélfia,568 - Setor Oeste - Araguaína - TO Fone: (63) 3411

Leia mais

PERFIL DE FORMAÇÃO - INTEGRALIZAÇÃO MATRIZ CURRICULAR

PERFIL DE FORMAÇÃO - INTEGRALIZAÇÃO MATRIZ CURRICULAR PERFIL DE FORMAÇÃO - INTEGRALIZAÇÃO Período 1º 2º 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º 10º 11º 12º CH/total Carga horária/semestre 582 659 597 615 630 532 596 545 -- -- -- -- 4756 h Estágio Supervisionado em Regime de

Leia mais

13 A 16 de Abril de 2006

13 A 16 de Abril de 2006 13 A 16 de Abril de 2006 Especializadas FECESP 13-14 de Abril de 2006 * * * EXPOSIÇÕES ESPECIALIZADAS DOS CLUBES : AKITA, AM. PIT BULL TERRIER, BOIADEIRO BERNÊS, BOXER, BULL TERRIER, BULLDOG INGLÊS, COCKER

Leia mais

A RESIDÊNCIA MÉDICA EM CIRURGIA GERAL: BENEFÍCIO DA EXTENSÃO PARA 3 ANOS E A NECESSIDADE DE ACESSO DIRETO COLÉGIO BRASILEIRO DE CIRURGIÕES

A RESIDÊNCIA MÉDICA EM CIRURGIA GERAL: BENEFÍCIO DA EXTENSÃO PARA 3 ANOS E A NECESSIDADE DE ACESSO DIRETO COLÉGIO BRASILEIRO DE CIRURGIÕES A RESIDÊNCIA MÉDICA EM CIRURGIA GERAL: BENEFÍCIO DA EXTENSÃO PARA 3 ANOS E A NECESSIDADE DE ACESSO DIRETO COLÉGIO BRASILEIRO DE CIRURGIÕES OBJETIVOS RESIDÊNCIA MÉDICA CIRURGIA GERAL 3 ANOS OBJETIVOS RESIDÊNCIA

Leia mais

Quem somos? Nossas atividades

Quem somos? Nossas atividades Quem somos? O Instituto PremieR pet é uma associação sem fins lucrativos, que tem por objetivo apoiar pesquisas, estudos e ações que promovam a saúde, qualidade de vida e longevidade de cães e gatos, assim

Leia mais

PROCESSO SELETIVO UNIFICADO DE RESIDÊNCIA MÉDICA / BAHIA Comissão Estadual de Residência Médica CEREM/BA CNRM

PROCESSO SELETIVO UNIFICADO DE RESIDÊNCIA MÉDICA / BAHIA Comissão Estadual de Residência Médica CEREM/BA CNRM PROCESSO SELETIVO UNIFICADO DE RESIDÊNCIA MÉDICA / BAHIA 2012 - Comissão Estadual de Residência Médica CEREM/BA CNRM ADITIVO AO EDITAL A COMISSÃO ESTADUAL DE RESIDÊNCIA MÉDICA CEREM/BAHIA, no uso de suas

Leia mais

MARINHA DO BRASIL HOSPITAL NAVAL MARCÍLIO DIAS CARTA DE SERVIÇOS AO CIDADÃO

MARINHA DO BRASIL HOSPITAL NAVAL MARCÍLIO DIAS CARTA DE SERVIÇOS AO CIDADÃO MARINHA DO BRASIL HOSPITAL NAVAL MARCÍLIO DIAS CARTA DE SERVIÇOS AO CIDADÃO 1 Programa Nacional de Gestão Pública Comandante da Marinha Almirante-de-Esquadra Eduardo Bacellar Leal Ferreira Diretor- Geral

Leia mais

Art. 29. Caberá à SAS/MS decidir acerca da solicitação de qualificação, mediante avaliação técnica da documentação listada no art. 28.

Art. 29. Caberá à SAS/MS decidir acerca da solicitação de qualificação, mediante avaliação técnica da documentação listada no art. 28. PORTARIA MS/GM - Nº 1.010, DE 21 DE MAIO DE 2012 Redefine as diretrizes para a implantação do Serviço de Atendimento Móvel de (SAMU 192) e sua Central de Regulação das s, componente da Rede de Atenção

Leia mais

HOMOLOGADA PORTARIA QUE APROVOU RELAÇÃO DE ESPECIALIDADES E ÁREAS DE ATUAÇÃO

HOMOLOGADA PORTARIA QUE APROVOU RELAÇÃO DE ESPECIALIDADES E ÁREAS DE ATUAÇÃO HOMOLOGADA PORTARIA QUE APROVOU RELAÇÃO DE ESPECIALIDADES E ÁREAS DE ATUAÇÃO APPROVED ORDINANCE WHICH ADOPTED RELATION SPECIALTIES AND AREAS *Conselho Federal de Medicina. CFM * Palavras-chave Especialidades,

Leia mais

REGULAMENTO DE ACESSO DOS DELEGADOS DE INFORMAÇÃO MÉDICA AO HOSPITAL DO ESPÍRITO SANTO DE ÉVORA, EPE

REGULAMENTO DE ACESSO DOS DELEGADOS DE INFORMAÇÃO MÉDICA AO HOSPITAL DO ESPÍRITO SANTO DE ÉVORA, EPE REGULAMENTO DE ACESSO DOS DELEGADOS DE INFORMAÇÃO MÉDICA AO HOSPITAL DO ESPÍRITO SANTO DE ÉVORA, EPE PREÂMBULO Atenta a necessidade de estabelecer as normas gerais reguladoras do acesso ao Hospital do

Leia mais

FICHA DO ESTUDANTE PARA ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO IMPRIMIR EM APENAS UMA FOLHA: FRENTE E VERSO

FICHA DO ESTUDANTE PARA ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO IMPRIMIR EM APENAS UMA FOLHA: FRENTE E VERSO - ANEXO II (FRENTE) - FICHA DO ESTUDANTE PARA ESTÁGIO CURRICULAR OBRIGATÓRIO IMPRIMIR EM APENAS UMA FOLHA: FRENTE E VERSO DISCENTE: Telefones: E-mails: ORIENTADOR: CONTATO PARA O PERÍODO DE ESTÁGIO: (dados

Leia mais

Grade Curricular - Medicina Veterinária

Grade Curricular - Medicina Veterinária Grade Curricular - Medicina Veterinária SEMESTRE 1 0100111 Introdução ao Estudo da Medicina Veterinária I 3 0 3 BIO0225 Genética e Evolução 4 0 4 BMC0115 Biologia Celular, Tecidual I e do Desenvolvimento

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA DOCENTES CURSOS DE GRADUAÇÃO E GRADUAÇÃO TECNOLÓGICA CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO DE RIBEIRÃO PRETO

PROCESSO SELETIVO PARA DOCENTES CURSOS DE GRADUAÇÃO E GRADUAÇÃO TECNOLÓGICA CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO DE RIBEIRÃO PRETO O divulga processo seletivo para formação de cadastro de reserva para o cargo de Professor para o curso de graduação em MEDICINA. Dúvidas e esclarecimentos sobre o processo seletivo deverão ser endereçadas

Leia mais

Rui Alexandre Ramos Silva Adjunto de Relações Publicas

Rui Alexandre Ramos Silva Adjunto de Relações Publicas Estimado camarada, O Decreto-Lei n.º 84/2014, de 27 de maio, veio proceder à criação do Hospital das Forças Armadas (HFAR), como um estabelecimento hospitalar militar único, na dependência do Chefe do

Leia mais

MANUAL DO BENEFICIÁRIO. ANS - n.º SAÚDE desde 1928

MANUAL DO BENEFICIÁRIO. ANS - n.º SAÚDE desde 1928 MANUAL DO BENEFICIÁRIO SAÚDE desde 1928 ANS - n.º 41942-7 SAÚDE desde 1928 Seja Bem-Vindo, Beneficiário IBCM! É com muita satisfação que oferecemos a você, nosso beneficiário, este manual, que vai ajudálo

Leia mais

CIS PARANÁ CENTRO Consórcio Intermunicipal de Saúde Paraná Centro

CIS PARANÁ CENTRO Consórcio Intermunicipal de Saúde Paraná Centro DISPENSAS DE LICITAÇÃO CIS PARANÁ CENTRO 2016 Dispensa de Licitação: 001/2016 N do Processo: 01/2016 Valor: R$ 3.540,00 Favorecido: Serviço de Monitoramento Eletrônico Lima Ltda - CNPJ 08.748.614/0001-68

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE MEDICINA

MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE MEDICINA MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE MEDICINA PRIMEIRO SEMESTRE INTRODUÇÃO À PRÁTICA MÉDICA I 45 ANATOMIA SISTÊMICA APLICADA I 90 BIOFÍSICA E FISIOLOGIA I 90 SOCIOLOGIA CULTURA E ÉTICA 45 BIOLOGIA CELULAR, TECIDUAL

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FORTALEZA PMF SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO DO MUNICÍPIO SAM SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE SMS

PREFEITURA MUNICIPAL DE FORTALEZA PMF SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO DO MUNICÍPIO SAM SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE SMS PREFEITURA MUNICIPAL DE FORTALEZA PMF SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO DO MUNICÍPIO SAM SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE SMS INSTITUTO MUNICIPAL DE PESQUISAS, ADMINISTRAÇÃO E RECURSOS HUMANOS IMPARH SELEÇÃO PÚBLICA

Leia mais

EDITAL DE MATRÍCULA - VAGAS REMANESCENTES - ANEXO I - 04/03/2016

EDITAL DE MATRÍCULA - VAGAS REMANESCENTES - ANEXO I - 04/03/2016 EDITAL DE MATRÍCULA - VAGAS REMANESCENTES - ANEXO I - 04/03/2016 PROGRAMA -> HOSPITAL VAGAS ANESTESIOLOGIA 7 HOSPITAL GERAL ROBERTO SANTOS - SESAB 2 HOSPITAL MUNICIPAL DR. ESAÚ MATOS 2 ANGIORRADIOLOGIA

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 14, DE 30 DE SETEMBRO DE 2010

RESOLUÇÃO Nº 14, DE 30 DE SETEMBRO DE 2010 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA VETERINÁRIA DO RS RESOLUÇÃO Nº 14, DE 30 DE SETEMBRO DE 2010 Dispõe sobre a normatização dos procedimentos de contracepção de cães e gatos em Programas

Leia mais

CURSO AUXILIAR TÉCNICO DE VETERINÁRIA HANDBOOK

CURSO AUXILIAR TÉCNICO DE VETERINÁRIA HANDBOOK CURSO AUXILIAR TÉCNICO DE VETERINÁRIA HANDBOOK Outubro 2015 Nome do Aluno CURSO AUXILIAR TÉCNICO DE VETERINÁRIA Outubro 2015 Informação Geral Introdução Os principais objetivos do programa do Curso de

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS NO CARGO DE MÉDICO EDITAL SESA N.º 001/2008

CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS NO CARGO DE MÉDICO EDITAL SESA N.º 001/2008 GOVERNO DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA ESTADUAL DE SAÚDE CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS NO CARGO DE MÉDICO EDITAL SESA N.º 001/2008 A SECRETARIA ESTADUAL DE SAÚDE (SESA), em atenção

Leia mais

Clarisse Alvim Portilho et all

Clarisse Alvim Portilho et all 294 CASUÍSTICA DE CÃES E GATOS ATENDIDOS COM SUSPEITA DE NEOPLASIA NO HOSPITAL VETERINÁRIO UNIVIÇOSA NO PERÍODO DE 2010 A 20141 Clarisse Alvim Portilho2, Alessandra Arreguy3, Anna Laura Alves dos Santos⁴,

Leia mais

SERVIÇO DE CARDIOLOGIA VETERINÁRIA: CASUÍSTICA DO ECODOPPLERCARDIOGRAMA

SERVIÇO DE CARDIOLOGIA VETERINÁRIA: CASUÍSTICA DO ECODOPPLERCARDIOGRAMA SERVIÇO DE CARDIOLOGIA VETERINÁRIA: CASUÍSTICA DO ECODOPPLERCARDIOGRAMA BITTAR, Isabela Plazza 1 ; JUNIOR, Marcelo Borges dos Santos 2 ; MOTA, Adelly Caroline 3 ; BRASIL, Renata Carolina de Oliveira Lopes

Leia mais

UNIVERSIDADE TUIUTI DO PARANÁ THAMIRES ZANOLINI N. DE ALMEIDA

UNIVERSIDADE TUIUTI DO PARANÁ THAMIRES ZANOLINI N. DE ALMEIDA UNIVERSIDADE TUIUTI DO PARANÁ THAMIRES ZANOLINI N. DE ALMEIDA DOENÇA DO DISCO INTERVERTEBRAL EM CÃES: ESTUDO EPIDEMIOLÓGICO DE 124 CASOS EM REGIÕES TORACOLOMBAR E CERVICAL CURITIBA 2013 2 UNIVERSIDADE

Leia mais

Como estão os campos de estágio de prática na SMS - BH para o ensino médico

Como estão os campos de estágio de prática na SMS - BH para o ensino médico FÓRUM DE ENSINO MÉDICO Como estão os campos de estágio de prática na SMS - BH para o ensino médico Fabiano Geraldo Pimenta Júnior Secretaria Municipal de Saúde de Belo Horizonte Rede SUS-BH Tipo de unidade

Leia mais

A rede referenciada poderá sofrer alterações, em conformidade com as normas da Agência Nacional de Saúde Suplementar - ANS.

A rede referenciada poderá sofrer alterações, em conformidade com as normas da Agência Nacional de Saúde Suplementar - ANS. P.SOCORRO - URG. E EMERGENCIAS 2 CLINICA ORTOPEDICA DE PIEDADE R PROF SEVERIANO TOLENTINO 123 (81) 3462-4699 e (81) 3341-2652 TRAUMATO-ORTOPEDIA CLIN. DE URG N SRA DA PIEDADE AV BERNARDO V DE MELO 2071

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS NO CARGO DE MÉDICO EDITAL Nº 73 MS MÉDICO, DE 2 DE MARÇO DE 2010

MINISTÉRIO DA SAÚDE CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS NO CARGO DE MÉDICO EDITAL Nº 73 MS MÉDICO, DE 2 DE MARÇO DE 2010 MINISTÉRIO DA SAÚDE CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS NO CARGO DE MÉDICO EDITAL Nº 73 MS MÉDICO, DE 2 DE MARÇO DE 2010 A SECRETÁRIA-EXECUTIVA DO MINISTÉRIO DA SAÚDE (MS) torna pública a retificação

Leia mais

DIRETÓRIO MÉDICO GUARAPUAVA

DIRETÓRIO MÉDICO GUARAPUAVA DIRETÓRIO MÉDICO GUARAPUAVA Atualizado em 16/06/2011 Rua Paes Leme, 1107 - Londrina PR 86010-610 www.maximusassistencial.com.br info@maximusassistencial.com.br (43) 3379-9700 Guia Médico Maximus Assistencial

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PÚBLICO DO HCPA PARA RESIDÊNCIAS MÉDICAS/2017 COM ACESSO DIRETO

PROCESSO SELETIVO PÚBLICO DO HCPA PARA RESIDÊNCIAS MÉDICAS/2017 COM ACESSO DIRETO MÉDICAS/2017 COM ACESSO DIRETO GABARITO DEFINITIVO DA PROVA OBJETIVA APLICADA EM 27/11/2016 01 C 26 C 51 B 76 B 02 B 27 B 52 E 77 A 03 D 28 A 53 C 78 E 04 A 29 E 54 A 79 B 05 E 30 D 55 D 80 D 06 A 31 B

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE RESIDÊNCIA EM MEDICINA VETERINÁRIA UNIFIL

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE RESIDÊNCIA EM MEDICINA VETERINÁRIA UNIFIL REGULAMENTO DO PROGRAMA DE RESIDÊNCIA EM MEDICINA VETERINÁRIA UNIFIL Capítulo I DAS GENERALIDADES Artigo 1º. O Programa de Residência em Medicina Veterinária (PRMV) é um programa intensivo de treinamento

Leia mais

QUADRO DE VAGAS EDITAL N. 01/PROAD/SGP/2016. Lotação: Campus Universitário de Cuiabá

QUADRO DE VAGAS EDITAL N. 01/PROAD/SGP/2016. Lotação: Campus Universitário de Cuiabá QUADRO DE VAGAS EDITAL N. /PROAD/SGP/26 Para as áreas que ofertam vagas reservadas preferencialmente para Pessoa com Deficiência(PcD) ou para Negros, serão aceitas inscrições para ampla concorrência, nos

Leia mais

TABELA DE PREÇOS POWERPET

TABELA DE PREÇOS POWERPET (Cães de Raça) Cavalier King Charles 3Kg 28,45 26,00 30,20 Chihuahua Júnior 1,5Kg 15,75 14,75 17,50 Chihuahua 1,5Kg 15,45 14,45 17,10 Chihuahua 3Kg 27,35 24,50 30,20 Dachshund 1,5Kg 15,45 14,45 17,10 Dachshund

Leia mais

FACULDADE PIO DÉCIMO CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA MATRIZ CURRICULAR 2015/2

FACULDADE PIO DÉCIMO CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA MATRIZ CURRICULAR 2015/2 FACULDADE PIO DÉCIMO CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA MATRIZ CURRICULAR 5/ º PERÍODO CÓDIGO Disciplina CRÉDITOS CH/P MV Sociedade e Desenvolvimento Rural Vestibular Anatomia MV Doméstico I 5 Vestibular MV5

Leia mais

ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE MEDICINA

ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE MEDICINA ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE MEDICINA Habilitação: Graduação em Medicina Carga Horária:7.222 horas Regime: Semestral Turno de Aplicação: Integral Vigência: 2008 / 2 Tempo de integralização: Mínimo:

Leia mais

COOPERATIVISMO DE ESPECIALIDADES MÉDICAS FERNANDO JOSÉ PINTO DE PAIVA

COOPERATIVISMO DE ESPECIALIDADES MÉDICAS FERNANDO JOSÉ PINTO DE PAIVA IV FORUM DE COOPERATIVISMO MÉDICO COOPERATIVISMO DE ESPECIALIDADES MÉDICAS FERNANDO JOSÉ PINTO DE PAIVA O Cooperativismo no Mundo Em membros das cooperativas Mais de 750 mil Cooperativas no Mundo com 800

Leia mais

Manual do. Informações sobre o plano. Servidor Público CUIDAR DE VOCÊ. ESSE É O PLANO.

Manual do. Informações sobre o plano. Servidor Público CUIDAR DE VOCÊ. ESSE É O PLANO. Manual do Servidor Público Informações sobre o plano CUIDAR DE VOCÊ. ESSE É O PLANO. Servidor Público de Uberaba, a Unimed Uberaba tem prazer em recebê-lo. Com 46 anos de experiência, 70 mil clientes,

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR- CURSO DE MEDICINA DA PUC-GOIÁS

MATRIZ CURRICULAR- CURSO DE MEDICINA DA PUC-GOIÁS 6.2.1. Matriz Atual MATRIZ CURRICULAR- CURSO DE MEDICINA DA PUC-GOIÁS TOTAL DE CRÉDITOS: 544 CRÉDITOS TOTAL DE HORAS: 8.160 HORAS (67% pratica e 33% teoria) MÓDULO = PERÍODO 1 o CICLO MÓDULO I Bioquímica/Biofísica

Leia mais

MANUAL DO SISTEMA DE TELECONSULTORIAS MANUAL DO SOLICITANTE

MANUAL DO SISTEMA DE TELECONSULTORIAS MANUAL DO SOLICITANTE MANUAL DO SISTEMA DE TELECONSULTORIAS MANUAL DO SOLICITANTE CENTRO DE TELESSAÚDE DO HOSPITAL DAS CLÍNICAS DA UFMG REDE DE TELEASSISTÊNCIA DE MINAS GERAIS JANEIRO DE 2017 1. Apresentação A (RTMG) é uma

Leia mais

AVISO N.º 06 GABARITO OFICIAL DAS PROVAS OBJETIVAS

AVISO N.º 06 GABARITO OFICIAL DAS PROVAS OBJETIVAS 1 HOSPITAL NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO S.A. (Matriz) e suas Filiais, que compõem o chamado GRUPO HOSPITALAR CONCEIÇÃO: Hospital Fêmina Hospital Cristo Redentor Hospital Criança Conceição Unidade de Pronto

Leia mais

Orientações para solicitações de qualificação do SAMU

Orientações para solicitações de qualificação do SAMU Orientações para solicitações de qualificação do SAMU As unidades do componente SAMU 192 já habilitadas que atendam requisitos conforme normativa vigente, terão direito à qualificação com incremento nos

Leia mais

Federação Portuguesa de Voleibol

Federação Portuguesa de Voleibol Federação Portuguesa de Voleibol Hospital de Santa Maria Porto Com o olhar no futuro, o Hospital de Santa Maria Porto tem um sólido passado, com mais de 125 anos de experiência na prestação de cuidados

Leia mais