3 - ESPECIFICAÇÃO DOS SERVIÇOS:. 3.1 Gerenciar as metas e etapas previstas no Plano de Trabalho assim com sua execução operacional.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "3 - ESPECIFICAÇÃO DOS SERVIÇOS:. 3.1 Gerenciar as metas e etapas previstas no Plano de Trabalho assim com sua execução operacional."

Transcrição

1 EDITAL DO CENTRO DE PROMOÇÃO DA SAÚDE TERMO DE REFERÊNCIA Nº 01/2012 COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 01/2012 TIPO: MELHOR QUALIFICAÇÃO TÉCNICA O Centro de Promoção da Saúde, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita no CNPJ do Ministério da Fazenda sob o nº / , com sede na Rua do Ouvidor, nº 86 5º andar, Centro Rio de Janeiro/RJ CEP , torna público, para o conhecimento dos interessados, que realizará a Cotação Prévia de Preço, tipo Melhor Qualificação Técnica, no âmbito do Convênio nº /2009, celebrado com o Ministério da Saúde, o processo seletivo simplificado para contratação de pessoa física para Supervisão, para gerenciar as atividades previstas no projeto intitulado Aids e Pobreza, que visa reduzir a vulnerabilidade frente às DST e a epidemia de HIV/Aids e seus efeitos, por parte de pessoas residentes em territórios populares, através da implementação de metodologias de intervenção local e intersetorial a ser monitorada e validada. A presente Cotação Prévia de Preço será regida pelo Decreto nº , de 25 de julho de 2007, pela Portaria Interministerial nº. 127, de 29 de maio de 2008 e suas alterações. 1- OBJETO: Contratação de Supervisão para gerenciar as atividades previstas no âmbito do projeto intitulado Aids e Pobreza, zelando pelo cumprimento de suas metas e adequação ao Plano de Trabalho e Termo de Referencia do Convênio nº / JUSTIFICTIVA DA CONTRATAÇÃO A presente contratação visa cumprir a meta do referido convênio, conforme consta no Plano de Trabalho e Termo de Referencia que fundamenta o convenio firmado entre as partes sob o número / ESPECIFICAÇÃO DOS SERVIÇOS:. 3.1 Gerenciar as metas e etapas previstas no Plano de Trabalho assim com sua execução operacional Monitorar ações desenvolvidas pela equipe gerencial (técnico e administrativa) e equipe de campo do projeto (Agentes de Prevenção) Registrar e acompanhar as atividades planejadas através de relatórios técnicos referentes aos produtos contratados no âmbito do convênio, assim

2 como gerar documentos comprobatórios da execução das metas e etapas contratadas Realizar reuniões de equipe técnica e operacional para fins de alinhamento do cronograma físico-financeiro Zelar diretamente pela produção de informações geradas pelo projeto contemplando o desenvolvimento de todas as ações locais e metas contratadas em acordo com as exigências do convênio nº /2009, Plano de Trabalho e Termo de Referencia que o consubstancia. 3.6 Gerenciar oficinas, seminários e eventos do projeto. 3.7 Produzir e apresentar relatórios mensais e final. 4. REQUISITOS: 4.1- Formação acadêmica (graduação) em ciências humanas ou áreas afins com ênfase em atuação em organizações não governamentais. 4.2 Experiência comprovada de dois anos em: a) Supervisão e/ou Coordenação de projetos sociais; b) Realização de assessorias sobre temas relacionados a Promoção da Saúde e desenvolvimento comunitário em nível gerencial e/ou técnico. c) Trabalhos realizados em comunidades populares (favelas e conjuntos habitacionais de periferia) d) Experiência no acompanhamento (gerencial e/ou técnico) de projetos na área de promoção da saúde. e) Experiência em gestão de projetos sociais, de equipes técnicas e operacionais Publicação e/ou colaboração na autoria de artigos, livros, materiais educativos, trabalhos em congresso referente a área de atuação pretendida. 4.4 Residir na cidade do Rio de Janeiro, Niterói ou São Gonçalo. 5 - CONTRATO DE TRABALHO A forma de contratação será contrato de prestação de serviço com duração de 12 meses, conforme Convênio n /2009, imediatamente após a assinatura do instrumento contratual de acordo com a legislação pertinente e complementar. O pagamento será mensal de acordo com a execução das atividades ( entrega de produtos), por Recibo de Pagamento de Pessoa Autônoma RPA. 6 - ENTREGA DA PROPOSTA: 6.1 A proposta entregue deverá conter Currículo apresentando dados dos candidato/a, experiência acadêmica, profissional, endereço completo,

3 telefone, para contato e, proposta de preço expressos em moeda nacional corrente. 6.2 A proposta pode ser encaminhada pelo ou ou para o endereço : Rua do Ouvidor, nº86 5º andar Centro Rio de Janeiro /RJ Cep: Prazo para entrega das propostas: das 9:00 horas do dia 04 de maio até as 18:00 do dia 18 de maio de PROCESSO SELETIVO 7.1 Análise de Currículo Etapa Eliminatória - Serão escolhidos os três currículos em conformidade com o item 4 deste edital. 7.2 Entrevista - Etapa Eliminatória e Classificatória- Nesta etapa serão selecionados/as de acordo com análise de currículo e desempenho na entrevista. A proposta vencedora será a que apresentar o currículo que demonstre maior experiência comprovada na área, conforme requisitos do item 4 deste Edital e, bom desempenho na entrevista O resultado da avaliação das propostas será publicado a partir de 22/ 05 /2012, no site do Centro de Promoção da Saúde: VALOR DISPONÍVEL PARA O SERVIÇO Os recursos para custear as despesas descritas neste edital correrão à conta do Convênio n /2009. Os valores serão praticados de acordo o cronograma de desembolso contidos no Plano de Trabalho e Termo de Referencia do convênio. 9 - DAS DISPOSIÇÕES GERAIS 9.1. As despesas decorrentes desta licitação correrão por conta de alocados para o Centro de Promoção da Saúde CEDAPS, através do Convênio nº /2009 e celebrado entre o Centro de Promoção da Saúde e Ministério da Saúde O Centro de Promoção da Saúde CEDAPS poderá revogar a cotação, por interesse público, antes da celebração do contrato, ou anulá-la, por ilegalidade, constatada de ofício, ou mediante provocação de terceiros, sempre, em ambas as situações, através de despacho fundamentado Informações poderão ser obtidas, em dias úteis, das 11:00h às 17:00h, no seguinte endereço: Rua do Ouvidor, nº86 5º andar Centro Rio de Janeiro /RJ Cep: Fone (21) Rio de Janeiro, 04 de maio de Centro de Promoção da Saúde

4 ANEXO I PROJETO BÁSICO Aids e Pobreza: Prevenção, apoio social, cuidado e direitos humanos de pessoas vivendo com Aids em territórios populares do Rio de Janeiro. Objetivo do Projeto Reduzir a vulnerabilidade frente às DST e a epidemia de HIV/Aids e seus efeitos, por parte de pessoas residentes em territórios populares, através da implementação de metodologias de intervenção local e intersetorial a ser monitorada e validada. Justificativa: A associação entre HIV/Aids e a pobreza vem sendo anunciada no Brasil desde meados dos anos 90. Os índices de desigualdade social existentes no país configuram um contexto socioeconômico de vulnerabilidades acentuadas, denominada vulnerabilidade estrutural. Tais contextos de vulnerabilidade refletem no impacto e resultados das ações de prevenção realizadas e repercutem diretamente na qualidade de vida e preservação de direitos humanos de quem já vive com HIV/Aids. Importante considerar que grupos populacionais vivendo em situação de pobreza, residem em geral, em favelas e periferias dos centros urbanos brasileiros, locais de moradia e convivência social de camadas populares requerendo ações dirigidas aos diferentes territórios (geográficos e/ou culturais) para elevação da capacidade de prevenção e proteção da própria comunidade afetada. Este projeto atende a uma estratégia do Departamento de DST/Aids e Hepatites Virais do Ministério da Saúde e deverá estar correlacionado a projetos em outros estados brasileiros em articulação com os níveis estaduais e municipais da Política de Aids em atendimento ao SUS. O projeto (suas metas e etapas) está estruturado em cinco eixos fundamentais. 1 Fortalecimento da resposta das comunidades atuação através de Agentes Comunitários de Prevenção moradores em comunidades qualificados tecnicamente para atuar como promotores da saúde e agentes locais de prevenção das DST/HIV/Aids e patologias associadas, assim como atuar sobre diferentes fatores de vulnerabilidade a epidemia identificados na comunidade.

5 2 Produção de Materiais Educativos O projeto se concentrará na produção de materiais específicos, construídos participativamente com lideranças e moradores das comunidades, sobretudo com Agentes de Prevenção voltados a ampliar a informação da comunidade sobre temas relativos a epidemia de Aids. Os temas variarão conforme diagnóstico comunitário participativo a ser realizado (mapeamento) 3 Fortalecimento da Rede de Serviços Públicos o projeto manterá uma interface de qualificação técnica entre as comunidades e os serviços de saúde, fortalecendo ações de parceria entre unidade e comunidade que beneficiará a ambos, favorecendo a troca dos saberes acumulados e ainda a constituição de pontes que aumentem a capilaridade das unidades de saúde pro um lado e a resolutividade do trabalho de prevenção das comunidades, garantindo atenção à saúde da população com ênfase na pessoa vivendo com Aids e seus pares. 4 - Articulações intersetoriais (dimensão comunitária, municipal, estadual) serão implantados fóruns intersetoriais nos municípios e/ou regiões para fins de convergência de ações e construção coletiva de estratégias para enfrentamento da associação entre Aids e Pobreza. Estes fóruns terão ainda como objetivo acompanhar o processo de desenvolvimento do projeto atuando como um fórum colaborador, assim como monitorando e avaliando as ações locais e planejando estratégias de sustentabilidade local da proposta, assim como encaminhando e recomendado para fins de aperfeiçoamento da política. 5 Produção de conhecimento considerando o caráter piloto da proposta, o projeto terá a finalidade de sistematizar e gerar conhecimento prático sobre o tema, assim com orientar publicações específicas que possam resultar no aperfeiçoamento e replicação da metodologia desenvolvida e desta forma aperfeiçoamento da política de prevenção ao HIV/aids e apoio social a quem já vive com Aids em favelas e periferias do Rio de Janeiro.

3. 1 Executar e monitorar as metas e etapas previstas no Plano de Trabalho assim com sua execução operacional, administrativa e financeira.

3. 1 Executar e monitorar as metas e etapas previstas no Plano de Trabalho assim com sua execução operacional, administrativa e financeira. EDITAL DO CENTRO DE PROMOÇÃO DA SAÚDE TERMO DE REFERÊNCIA Nº 02/2012 COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 02/2012 TIPO: MELHOR QUALIFICAÇÃO TÉCNICA O Centro de Promoção da Saúde, entidade privada sem fins lucrativos,

Leia mais

EDITAL DO CENTRO DE PROMOÇÃO DA SAÚDE TERMO DE REFERÊNCIA Nº 03/2012 COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 03/2012 TIPO: QUALIFICAÇÃO TÉCNICA

EDITAL DO CENTRO DE PROMOÇÃO DA SAÚDE TERMO DE REFERÊNCIA Nº 03/2012 COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 03/2012 TIPO: QUALIFICAÇÃO TÉCNICA EDITAL DO CENTRO DE PROMOÇÃO DA SAÚDE TERMO DE REFERÊNCIA Nº 03/2012 COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 03/2012 TIPO: QUALIFICAÇÃO TÉCNICA O Centro de Promoção da Saúde, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita

Leia mais

3.1 Planejar, organizar e realizar oficinas de mapeamento participativo utilizando técnicas de educação popular e promoção da saúde;

3.1 Planejar, organizar e realizar oficinas de mapeamento participativo utilizando técnicas de educação popular e promoção da saúde; EDITAL DO CENTRO DE PROMOÇÃO DA SAÚDE TERMO DE REFERÊNCIA Nº 05/2012 COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 05/2012 TIPO: MELHOR TÉCNICA O Centro de Promoção da Saúde, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita

Leia mais

3.1 Planejar, organizar logística e tecnicamente das Oficinas temáticas de formação da Agentes de Prevenção e seus parceiros locais.

3.1 Planejar, organizar logística e tecnicamente das Oficinas temáticas de formação da Agentes de Prevenção e seus parceiros locais. EDITAL DO CENTRO DE PROMOÇÃO DA SAÚDE TERMO DE REFERÊNCIA Nº 10/2012 COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 10/2012 TIPO: MELHOR TÉCNICA O Centro de Promoção da Saúde, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO POR SERVIÇO

ESPECIFICAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO POR SERVIÇO ESPECIFICAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO POR SERVIÇO ASSOCIAÇÃO DE AMIGOS DO CENTRO DE REFERÊNCIA PATRIMONIAL HISTÓRICA DE DUQUE DE CAXIAS (AA-CRPH) E REDE DE MUSEOLOGIA SOCIAL DO RIO DE JANEIRO (REMUS-RJ) Cotação

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA nº. 02/2014 SERVIÇO DE PESSOA JURÍDICA / SISTEMA WEB

COTAÇÃO PRÉVIA nº. 02/2014 SERVIÇO DE PESSOA JURÍDICA / SISTEMA WEB Rua Francílio Dourado, 11 - Sala 10 Água Fria - Fortaleza, Ceará, Brasil CEP: 60813-660 Telefone: +55 (85) 3114.9658 http://abraca.autismobrasil.org/ COTAÇÃO PRÉVIA nº. 02/2014 SERVIÇO DE PESSOA JURÍDICA

Leia mais

Cotação prévia de preço Divulgação Eletrônica Tipo: Menor preço global

Cotação prévia de preço Divulgação Eletrônica Tipo: Menor preço global TERMO DE REFERÊNCIA PARA CONTRATAÇÃO POR SERVIÇO ASSOCIAÇÃO DOS AMIGOS DO CENTRO DE REFERÊNCIA PATRIMONIAL E HISTÓRICO DE DUQUE DE CAXIAS (AA-CRPH) E REDE DE MUSEOLOGIA SOCIAL DO RIO DE JANEIRO (REMUS-RJ)

Leia mais

EDITAL PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA JURÍDICA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO No. 003/2012 TIPO: MENOR PREÇO/MAIOR DESCONTO

EDITAL PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA JURÍDICA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO No. 003/2012 TIPO: MENOR PREÇO/MAIOR DESCONTO EDITAL PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOA JURÍDICA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO No. 003/2012 TIPO: MENOR PREÇO/MAIOR DESCONTO A ECOA ECOLOGIA E AÇÃO, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita no Cadastro Nacional

Leia mais

PROJETO. #SouAlterosa

PROJETO. #SouAlterosa EDITAL 03/2016 DIST II DESENVOLVIMENTO INTEGRADO E SUSTENTÁVEL DO TERRITÓRIO PROJETO #Sou Contratação de Agente comunitário 1. Objetivo do Projeto O Projeto #Sou tem por objetivo contribuir para a melhoria

Leia mais

Edital VC 002/2011 EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO PARA APRESENTAÇÃO DE CURRÍCULOS DE CANDIDATOS PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS:

Edital VC 002/2011 EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO PARA APRESENTAÇÃO DE CURRÍCULOS DE CANDIDATOS PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS: Edital VC 002/2011 EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO PARA APRESENTAÇÃO DE CURRÍCULOS DE CANDIDATOS PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS: Modalidade Produto Área de Ciências Humanas e Direitos Humanos SELECIONA CURRÍCULOS

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE PESSOAL Nº 03/2012

EDITAL DE SELEÇÃO DE PESSOAL Nº 03/2012 EDITAL DE SELEÇÃO DE PESSOAL Nº 03/2012 O Instituto Aliança com o Adolescente, associação civil sem fins lucrativos e qualificada como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público OSCIP, MJ nº 08015.013735/2002-16,

Leia mais

Edital nº 7 de 2016 TRANSCRIÇÃO DE VÍDEOS II

Edital nº 7 de 2016 TRANSCRIÇÃO DE VÍDEOS II Edital nº 7 de 2016 TRANSCRIÇÃO DE VÍDEOS II O Instituto Pólis pretende selecionar um profissional para a transcrição de vídeos com o registro de oficinas e cursos realizados no Litoral Paulista pelo Observatório

Leia mais

Edital nº Revisão de textos de produtos editoriais

Edital nº Revisão de textos de produtos editoriais São Paulo, 15 de fevereiro de 2016 Edital nº 05-2016 Revisão de textos de produtos editoriais O Instituto Pólis pretende selecionar empresa ou profissional especializado na revisão de textos para três

Leia mais

EDITAL DO CENTRO DE PROMOÇÃO DA SAÚDE. COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 07/2012 PROCESSO: nº 07/2012 TIPO: MENOR PREÇO

EDITAL DO CENTRO DE PROMOÇÃO DA SAÚDE. COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 07/2012 PROCESSO: nº 07/2012 TIPO: MENOR PREÇO EDITAL DO CENTRO DE PROMOÇÃO DA SAÚDE COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 07/2012 PROCESSO: nº 07/2012 TIPO: MENOR PREÇO O Centro de Promoção da Saúde, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita no CNPJ do

Leia mais

PESQUISA DE PREÇO DE MERCADO Nº 002/2016 TIPO: MENOR PREÇO

PESQUISA DE PREÇO DE MERCADO Nº 002/2016 TIPO: MENOR PREÇO PESQUISA DE PREÇO DE MERCADO Nº 002/2016 TIPO: MENOR PREÇO O INSTITUTO PATRÍCIA GALVÃO, inscrito no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica do Ministério da Fazenda sob o nº CNPJ 05.408.004/0001-27, associação

Leia mais

Convênio n /2013 SDH/PR Projeto: Promoção do Protagonismo de Crianças e Adolescentes no Estado do Rio Grande do Sul TERMO DE REFERÊNCIA

Convênio n /2013 SDH/PR Projeto: Promoção do Protagonismo de Crianças e Adolescentes no Estado do Rio Grande do Sul TERMO DE REFERÊNCIA Convênio n 792198/2013 SDH/PR Projeto: Promoção do Protagonismo de Crianças e Adolescentes no Estado do Rio Grande do Sul TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 13/2015 TIPO MAIOR DESCONTO PERCENTUAL

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. Contrato de Gestão nº 010/2013 e nº 017/ SECT, TOMADA DE PREÇO Nº 02/ REDEH TIPO: MELHOR PREÇO E TÉCNICA

TERMO DE REFERÊNCIA. Contrato de Gestão nº 010/2013 e nº 017/ SECT, TOMADA DE PREÇO Nº 02/ REDEH TIPO: MELHOR PREÇO E TÉCNICA A Rede de Desenvolvimento Humano - REDEH, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica do Ministério da Fazenda sob o nº 39.064.233/0001-93, com sede na Rua Álvaro

Leia mais

Edital nº 04 / 2015 ATIVIDADES DE ENSINO, EXTENSÃO E PESQUISA Programa POLOS de Cidadania

Edital nº 04 / 2015 ATIVIDADES DE ENSINO, EXTENSÃO E PESQUISA Programa POLOS de Cidadania Edital nº 04 / 2015 ATIVIDADES DE ENSINO, EXTENSÃO E PESQUISA Programa POLOS de Cidadania O Programa Polos de Cidadania da Faculdade de Direito da UFMG faz saber que entre os dias 27 de maio e 08 de junho

Leia mais

Escravo Nem Pensar! seleciona educador(a) para São Paulo (SP)

Escravo Nem Pensar! seleciona educador(a) para São Paulo (SP) Escravo Nem Pensar! seleciona educador(a) para São Paulo (SP) Currículo do(a) interessado(a) deve ser enviado em documento anexado, junto com carta de apresentação, para escravonempensar@reporterbrasil.org.br,

Leia mais

APOIO E FOMENTO ÁS INICIATIVAS DE FINANÇAS SOLIDÁRIAS COM BASE EM BANCOS COMUNITÁRIOS DE DESENVOLVIMENTO EDITAL DE SELEÇÃO (Nº. 0013/2015) - REPETIÇÃO

APOIO E FOMENTO ÁS INICIATIVAS DE FINANÇAS SOLIDÁRIAS COM BASE EM BANCOS COMUNITÁRIOS DE DESENVOLVIMENTO EDITAL DE SELEÇÃO (Nº. 0013/2015) - REPETIÇÃO INSTITUTO PALMAS DE DESENVOLVIMENTO E SOCIOECONOMIA SOLIDÁRIA Av. Val Paraíso, 698, Conjunto Palmeira Fortaleza-CE CEP 60870-440 bancopalmas@bancopalmas.org.br / 55 85 3459-4848 CNPJ 05705438/0001-99 APOIO

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE PESSOAL Nº 01/2014

EDITAL DE SELEÇÃO DE PESSOAL Nº 01/2014 EDITAL DE SELEÇÃO DE PESSOAL Nº 01/2014 O Instituto Aliança com o Adolescente, associação civil sem fins lucrativos e qualificada como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público OSCIP, MJ nº 08015.013735/2002-16,

Leia mais

PLANO DE ENFRENTAMENTO DA EPIDEMIA DE AIDS E DAS DST ENTRE A POPULAÇÃO DE GAYS, HSH E TRAVESTIS BAHIA

PLANO DE ENFRENTAMENTO DA EPIDEMIA DE AIDS E DAS DST ENTRE A POPULAÇÃO DE GAYS, HSH E TRAVESTIS BAHIA PLANO DE ENFRENTAMENTO DA EPIDEMIA DE AIDS E DAS DST ENTRE A POPULAÇÃO DE GAYS, HSH E TRAVESTIS BAHIA OBJETIVO GERAL Promover ações integradas para o enfrentamento da epidemia de HIV/AIDS e outras DST

Leia mais

PROCESSO DE SELEÇÃO PARA COORDENADOR (A) DO PROGRAMA SE LIGA - REGIONAL TRIÂNGULO MINEIRO UBERLÂNDIA/MG.

PROCESSO DE SELEÇÃO PARA COORDENADOR (A) DO PROGRAMA SE LIGA - REGIONAL TRIÂNGULO MINEIRO UBERLÂNDIA/MG. EDITAL N. 02/2017 DO CENTRO DE DEFESA DA CIDADANIA - PROCESSO DE SELEÇÃO PARA COORDENADOR REGIONAL DO PROGRAMA SE LIGA REGIONAL TRIÂNGULO MINEIRO - UBERLÂNDIA/MG. PROCESSO DE SELEÇÃO PARA COORDENADOR (A)

Leia mais

EDITAL DE COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 07/2011

EDITAL DE COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 07/2011 EDITAL DE COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS Nº 07/2011 A ASSOCIAÇÃO PARAENSE DE APOIO ÀS COMUNIDADES CARENTES APACC torna público que fará realizar COTAÇÃO PRÉVIA, do tipo MENOR PREÇO, no âmbito do convênio nº

Leia mais

APOIO E FOMENTO ÁS INICIATIVAS DE FINANÇAS SOLIDÁRIAS COM BASE EM BANCOS COMUNITÁRIOS DE DESENVOLVIMENTO EDITAL DE SELEÇÃO (Nº.

APOIO E FOMENTO ÁS INICIATIVAS DE FINANÇAS SOLIDÁRIAS COM BASE EM BANCOS COMUNITÁRIOS DE DESENVOLVIMENTO EDITAL DE SELEÇÃO (Nº. INSTITUTO PALMAS DE DESENVOLVIMENTO E SOCIOECONOMIA SOLIDÁRIA Av. Val Paraíso, 698, Conjunto Palmeira Fortaleza-CE CEP 60870-440 bancopalmas@bancopalmas.org.br / 55 85 3459-4848 CNPJ 05705438/0001-99 APOIO

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE ARTESANATO E ESTILO - ARTEST

ASSOCIAÇÃO DE ARTESANATO E ESTILO - ARTEST Cotação Prévia de Preços n 004/2013 Convênio nº 35/2013 - SEBRAE/ ARTEST Menor preço Cotação Prévia de Preços na modalidade menor preço para contratação de empresa especializada no serviço de JORNALISTA,

Leia mais

EDITAL PROCESSO SELETIVO Nº 097/2014

EDITAL PROCESSO SELETIVO Nº 097/2014 EDITAL PROCESSO SELETIVO Nº 097/2014 O Instituto Agropolos do Ceará, entidade de direito privado e sem fins econômicos, inscrito no CNPJ sob nº 04.867.567/0001-10, qualificado como Organização Social através

Leia mais

1. DO OBJETO: 2. ESPECIFICAÇÕES:

1. DO OBJETO: 2. ESPECIFICAÇÕES: Cotação Prévia de Preço n 28/2016 Convênio nº 792864/2012 MTE/CAMP. Projeto: Fortalecimento e Expansão das Iniciativas de Fundos Solidários na Região Sul Critério: Menor Preço e Melhor Técnica. Cotação

Leia mais

FUNDAÇÃO COORDENAÇÃO DE PROJETOS, PESQUISAS E ESTUDOS TECNOLÓGICOS - COPPETEC.

FUNDAÇÃO COORDENAÇÃO DE PROJETOS, PESQUISAS E ESTUDOS TECNOLÓGICOS - COPPETEC. FUNDAÇÃO COORDENAÇÃO DE PROJETOS, PESQUISAS E ESTUDOS TECNOLÓGICOS - COPPETEC. CHAMADA PÚBLICA PARA CONTRATAÇÃO DE AGENTES DE DESENVOLVIMENTO SOLIDÁRIO DO PROJETO BRASIL LOCAL ETNODESENVOLVIMENTO E ECONOMIA

Leia mais

saber-fazer a partir da inclusão socioeconômica e

saber-fazer a partir da inclusão socioeconômica e Cotação Prévia de Preço Nº. 27/2016 Convênio Nº 811902/2014 - MTE/SENAES CAMP Projeto: Economia Solidária e População em Situação de Rua: estratégias de valorização do saber-fazer a partir da inclusão

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA (TR) - TECN MCT 1 VAGA

TERMO DE REFERÊNCIA (TR) - TECN MCT 1 VAGA INSTITUTO INTERAMERICANO DE COOPERAÇÃO PARA A AGRICULTURA TERMO DE REFERÊNCIA (TR) - TECN 3.1.6 - MCT 1 VAGA 1 IDENTIFICAÇÃO DA CONSULTORIA Prestação de serviços de pessoa física para a elaboração de documento

Leia mais

EDITAL DE AÇÕES DE PREVENÇÃO RELACIONADOS À EPIDEMIA DE IST/HIV/AIDS E HEPATITES VIRAIS.

EDITAL DE AÇÕES DE PREVENÇÃO RELACIONADOS À EPIDEMIA DE IST/HIV/AIDS E HEPATITES VIRAIS. EDITAL DE AÇÕES DE PREVENÇÃO RELACIONADOS À EPIDEMIA DE IST/HIV/AIDS E HEPATITES VIRAIS. 1. Apresentação O Fundo Nacional de Sustentabilidade das Organizações da Sociedade Civil que trabalham no campo

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 012/2011 TIPO: MENOR TAXA DE ADMINISTRAÇÃO 1 OBJETIVO 2 JUSTIFICTIVA DA CONTRATAÇÃO

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 012/2011 TIPO: MENOR TAXA DE ADMINISTRAÇÃO 1 OBJETIVO 2 JUSTIFICTIVA DA CONTRATAÇÃO TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 012/2011 TIPO: MENOR TAXA DE ADMINISTRAÇÃO A Federação Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura Familiar do Brasil FETRAF-BRASIL/CUT, entidade

Leia mais

AVISO DE SELEÇÃO DE PESSOAL Nº 011/2014

AVISO DE SELEÇÃO DE PESSOAL Nº 011/2014 AVISO DE SELEÇÃO DE PESSOAL Nº 011/2014 A Associação das Cooperativas de Apoio a Economia Familiar (ASCOOB) Entidade Privada Sem Fins Lucrativos, inscrita no, torna público que as inscrições para o Processo

Leia mais

Cotação Eletrônica de Preço SICONV N. 021/2015 Tipo: MENOR PREÇO GLOBAL Convênio n.º /2014 MDA/FETRAF

Cotação Eletrônica de Preço SICONV N. 021/2015 Tipo: MENOR PREÇO GLOBAL Convênio n.º /2014 MDA/FETRAF Cotação Eletrônica de Preço SICONV N. 021/15 Tipo: MENOR PREÇO GLOBAL Convênio n.º 811554/14 MDA/FETRAF A Federação Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura Familiar do Brasil, entidade

Leia mais

CHAMAMENTO PÚBLICO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS MÉDICOS EM PEDIATRIA E UTI NEONATAL

CHAMAMENTO PÚBLICO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS MÉDICOS EM PEDIATRIA E UTI NEONATAL CHAMAMENTO PÚBLICO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS MÉDICOS EM PEDIATRIA E UTI NEONATAL O HNSG HOSPITAL PROVIDÊNCIA MATERNO INFANTIL, pessoa jurídica de direito privado, de fins não econômicos, de caráter beneficente

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 016/2011 TIPO: MENOR PREÇO 1 OBJETIVO 2 JUSTIFICTIVA DA CONTRATAÇÃO

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 016/2011 TIPO: MENOR PREÇO 1 OBJETIVO 2 JUSTIFICTIVA DA CONTRATAÇÃO TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 016/2011 TIPO: MENOR PREÇO A Federação Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura Familiar do Brasil FETRAF-BRASIL/CUT, entidade de direito

Leia mais

FUNDAÇÃO THEODOMIRO SANTIAGO TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº TIPO: MENOR PREÇO

FUNDAÇÃO THEODOMIRO SANTIAGO TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº TIPO: MENOR PREÇO TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 201150030 TIPO: MENOR PREÇO A FUNDAÇÃO THEODOMIRO SANTIAGO, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica do Ministério

Leia mais

Caracterização e objetivos do PET

Caracterização e objetivos do PET UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PROGRAMA DE EDUCAÇÂO TUTORIAL - PET EDITAL DE SELEÇÃO PARA TUTOR(A) DO GRUPO PET CIVIL (2016) A PROGRAD divulga, pelo presente edital,

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO Nº 001/2012.

EDITAL DE SELEÇÃO Nº 001/2012. Arco Mato Grande EDITAL DE SELEÇÃO Nº 001/2012. A Agência Regional de Comercialização do Mato Grande - ARCO Mato Grande, CNPJ Nº 06.070.787/0001-44, com Sede no Projeto de Assentamento Rosário, Agrovila

Leia mais

Instituto de Medicina Integral Prof. Fernando Figueira Escola de Pós-graduação em Saúde Instituição Civil Filantrópica

Instituto de Medicina Integral Prof. Fernando Figueira Escola de Pós-graduação em Saúde Instituição Civil Filantrópica Cotação Eletrônica Prévia de Preços nº 019/2016 Convênio nº 797441/2013 DSEI/MA Termo do Convênio: Executar Ações Complementares de Saúde dos Povos Indígenas. Critério de Julgamento: Menor Preço por item

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 007/2011

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 007/2011 COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 007/2011 A Associação das Cooperativas de Apoio a Economia Familiar ASCOOB, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita no CNPJ sob nº 03.425.488/0001 97, com sede na Avenida

Leia mais

EDITAL N.º 06/2017- PROG/UEMA

EDITAL N.º 06/2017- PROG/UEMA EDITAL N.º 06/2017- PROG/UEMA A UNIVERSIDADE ESTADUAL DO MARANHÃO UEMA, por meio da Pró-Reitoria de Graduação PROG, considerando a Lei n.º 9.608/1998, que dispõe sobre serviço voluntário e dá outras providências,

Leia mais

SOLICITAÇÃO DE SERVIÇO Divulgação:

SOLICITAÇÃO DE SERVIÇO Divulgação: SOLICITAÇÃO DE SERVIÇO Divulgação: 304-16 Em conformidade com o Regulamento de Compras e Contratações de Obras e Serviços da Organização Social de Cultura Associação Amigos do Projeto Guri, decreto nº.

Leia mais

FUNDAÇÃO THEODOMIRO SANTIAGO TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº TIPO: MENOR PREÇO

FUNDAÇÃO THEODOMIRO SANTIAGO TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº TIPO: MENOR PREÇO TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 201150063 TIPO: MENOR PREÇO A FUNDAÇÃO THEODOMIRO SANTIAGO, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica do Ministério

Leia mais

EDITAL N 002/2017/PNAP/EaDADM/CAD/UFSC PROCESSO SELETIVO PARA BOLSISTAS PNAP/CAPES

EDITAL N 002/2017/PNAP/EaDADM/CAD/UFSC PROCESSO SELETIVO PARA BOLSISTAS PNAP/CAPES UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO SÓCIO ECONÔMICO DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS DA ADMINISTRAÇÃO CAMPUS PROF. JOÃO DAVID FERREIRA LIMA TRINDADE CAIXA POSTAL 5025 CEP 88040 900 FLORIANÓPOLIS SANTA

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA nº 051/2015. Convênio PMSP/TERMO DE CONVÊNIO nº 025/2014/SDTE

CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA nº 051/2015. Convênio PMSP/TERMO DE CONVÊNIO nº 025/2014/SDTE CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA nº 051/2015 Convênio PMSP/TERMO DE CONVÊNIO nº 025/2014/SDTE A Central de Cooperativas e Empreendimentos Solidários do Brasil UNISOL, entidade sem fins econômicos, com sede

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA BLUMENAU ARTICULADOR

TERMO DE REFERÊNCIA BLUMENAU ARTICULADOR TERMO DE REFERÊNCIA BLUMENAU ARTICULADOR PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSULTORIA INDIVIDUAL EM ARTICULAÇÃO DE REDE INTERSETORIAL ALCOOL E DROGAS DESCENTRALIZADO I. CONTEXTO O decreto 7.179 de 2010 da Presidência

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA nº 053/2015. Convênio PMSP/TERMO DE CONVÊNIO nº 025/2014/SDTE

CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA nº 053/2015. Convênio PMSP/TERMO DE CONVÊNIO nº 025/2014/SDTE CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA nº 053/2015 Convênio PMSP/TERMO DE CONVÊNIO nº 025/2014/SDTE A Central de Cooperativas e Empreendimentos Solidários do Brasil UNISOL, entidade sem fins econômicos, com sede

Leia mais

Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina Saúde Indígena Convênios SPDM-MS/SESAI

Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina Saúde Indígena Convênios SPDM-MS/SESAI PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 016/2017 SAÚDE INDÍGENA SÃO PAULO A SPDM Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina, entidade sem fins lucrativos, inscrita no Cadastro Nacional de Pessoa

Leia mais

EQUIP Escola de Formação Quilombo dos Palmares

EQUIP Escola de Formação Quilombo dos Palmares PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EDITAL 001/2016 A Escola de Formação Quilombo dos Palmares EQUIP, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica do Ministério da

Leia mais

SELEÇÃO DE SUPERVISOR PARA ATUAR NO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA

SELEÇÃO DE SUPERVISOR PARA ATUAR NO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA SELEÇÃO DE SUPERVISOR PARA ATUAR NO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID/UNIFESP Campus Diadema - Subprojeto: Ciências-Física EDITAL PROGRAD No. 08, de 23 de março de 2015. A PRÓ-REITORA

Leia mais

COGESPA 2016 PREVENÇÃO. Eixo II - Enfrentamento da Epidemia das DST/Aids entre mulheres no Estado de São Paulo

COGESPA 2016 PREVENÇÃO. Eixo II - Enfrentamento da Epidemia das DST/Aids entre mulheres no Estado de São Paulo COGESPA 2016 PREVENÇÃO Eixo II - Enfrentamento da Epidemia das DST/Aids entre mulheres no Estado de São Paulo DST/Aids entre mulheres no Estado de São Paulo Diminuir a incidência de HIV/Aids entre as mulheres

Leia mais

REGULAMENTO DO ESTÁGIO DO CURSO DE GRADUAÇÃO TECNOLÓGICA EM PROCESSOS GERENCIAIS

REGULAMENTO DO ESTÁGIO DO CURSO DE GRADUAÇÃO TECNOLÓGICA EM PROCESSOS GERENCIAIS REGULAMENTO DO ESTÁGIO DO CURSO DE GRADUAÇÃO TECNOLÓGICA EM PROCESSOS GERENCIAIS EMENTA: Estabelece normas para o funcionamento do Estágio do Curso de Graduação Tecnológica em Processos Gerenciais. O Colegiado

Leia mais

CARGO, VAGA, LOCAL DE TRABALHO, CARGA HORÁRIA. Art. 2º. Especificações das vagas: N. de vagas 01 + Cadastro Reserva. Carga horária semanal

CARGO, VAGA, LOCAL DE TRABALHO, CARGA HORÁRIA. Art. 2º. Especificações das vagas: N. de vagas 01 + Cadastro Reserva. Carga horária semanal EDITAL N. 13/2017 DO INSTITUTO JURÍDICO PARA EFETIVAÇÃO DA CIDADANIA PROCESSO DE SELEÇÃO PARA COORDENADOR REGIONAL DO PROGRAMA SE LIGA REGIONAL TRIÂNGULO MINEIRO UBERLÂNDIA/MG. Art. 1º. O Instituto Jurídico

Leia mais

FLUXO DE PROCEDIMENTOS PARA SOLICITAÇÕES ESPECÍFICAS PARA PROGRAMAS/ PROJETOS COM FINANCIAMENTO EXTERNO

FLUXO DE PROCEDIMENTOS PARA SOLICITAÇÕES ESPECÍFICAS PARA PROGRAMAS/ PROJETOS COM FINANCIAMENTO EXTERNO FLUXO DE PROCEDIMENTOS PARA SOLICITAÇÕES ESPECÍFICAS PARA PROGRAMAS/ PROJETOS COM FINANCIAMENTO EXTERNO 1. OBJETO Contratação de Serviço Terceiro Pessoa Física para os seguintes projetos/programas: -Projetos,

Leia mais

COTAÇÃO DE PREÇO nº 004/2014

COTAÇÃO DE PREÇO nº 004/2014 Recebido em: / / Assinatura e Carimbo COTAÇÃO DE PREÇO nº 004/2014 A Associação das Cooperativas de Apoio a Economia Familiar (ASCOOB) Entidade Privada Sem Fins Lucrativos, inscrita no, torna público para

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA ITAITUBA ARTICULADOR

TERMO DE REFERÊNCIA ITAITUBA ARTICULADOR TERMO DE REFERÊNCIA ITAITUBA ARTICULADOR PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSULTORIA INDIVIDUAL EM ARTICULAÇÃO DE REDE INTERSETORIAL ALCOOL E DROGAS DESCENTRALIZADO I. CONTEXTO O decreto 7.179 de 2010 da Presidência

Leia mais

Critério: MENOR PREÇO GLOBAL.

Critério: MENOR PREÇO GLOBAL. Cotação Prévia de Preço n 25/2016 Convênio nº 775707/2012 MTE/SENAES Projeto: Centro de Formação e Apoio a Assessoria Técnica em Economia Solidária da Região Sul CFES Regional Sul. Critério: MENOR PREÇO

Leia mais

2.1. Subcoordenador Técnico Operacional (Código STO) 1 vaga Atribuições:

2.1. Subcoordenador Técnico Operacional (Código STO) 1 vaga Atribuições: PRORROGAÇÃO DO EDITAL PARA SELEÇÃO DE BOLSISTAS PROJETO CVDS Manaus, 24 de Novembro de 2014. 1. CONTEXTUALIZAÇÃO O Centro Vocacional para o Desenvolvimento Sustentável (CVDS), trata-se de um projeto piloto

Leia mais

MAPEAMENTO DIGITAL DA REDE DE ARTICULAÇÃO INTERSETORIAL PARA PROMOÇÃO DA SAÚDE PARTE 1 MAPA FALANTE

MAPEAMENTO DIGITAL DA REDE DE ARTICULAÇÃO INTERSETORIAL PARA PROMOÇÃO DA SAÚDE PARTE 1 MAPA FALANTE MAPEAMENTO DIGITAL DA REDE DE ARTICULAÇÃO INTERSETORIAL PARA PROMOÇÃO DA SAÚDE PARTE 1 MAPA FALANTE O que é o Mapeamento Participativo do Território / Mapa Falante? Parte de um processo metodológico de

Leia mais

D E C R E T A. a) dos cursos de licenciaturas; b) das residências pedagógicas; c) das práticas pedagógicas curriculares;

D E C R E T A. a) dos cursos de licenciaturas; b) das residências pedagógicas; c) das práticas pedagógicas curriculares; Imprimir "Este texto não substitui o publicado no Diário Oficial do Estado." DECRETO Nº 16.718 DE 11 DE MAIO DE 2016 Dispõe sobre a instituição e organização dos Complexos Integrados de Educação, no âmbito

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA (TOR) PARA CONSULTOR EM PRODUÇÃO DE MATERIAIS DE APOIO PEDAGÓGICO - 44

TERMO DE REFERÊNCIA (TOR) PARA CONSULTOR EM PRODUÇÃO DE MATERIAIS DE APOIO PEDAGÓGICO - 44 TERMO DE REFERÊNCIA (TOR) PARA CONSULTOR EM PRODUÇÃO DE MATERIAIS DE APOIO PEDAGÓGICO - 44 N.º e Título do Projeto: Projeto OEI/BRA 09/002, Desenvolvimento de Processos Gerenciais e Operacionais no Ministério

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE PROFISSIONAIS PARA INTEGRAREM COMISSÕES TÉCNICAS DE APURAÇÃO - CTA FUNCEF

EDITAL DE SELEÇÃO DE PROFISSIONAIS PARA INTEGRAREM COMISSÕES TÉCNICAS DE APURAÇÃO - CTA FUNCEF EDITAL DE SELEÇÃO DE PROFISSIONAIS PARA INTEGRAREM COMISSÕES TÉCNICAS DE APURAÇÃO - CTA FUNCEF 1 Brasília, 15 de fevereiro de 2017 Hfr FLJNCEF Fundação dos Economiários Federais A Fundação dos Economiários

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA (TR)

TERMO DE REFERÊNCIA (TR) INSTITUTO INTERAMERICANO DE COOPERAÇÃO PARA A AGRICULTURA 1 IDENTIFICAÇÃO DA CONSULTORIA CODT 03 (AM) Uma Vaga TERMO DE REFERÊNCIA (TR) Prestação de serviço técnico especializado, modalidade de consultoria

Leia mais

EDITAL SIMPLIFICADO 001/2016 SELEÇÃO PRECEPTORES PARA ATUAR NO PROGRAMA DE RESIDÊNCIA MULTIPROFISSIONAL EM SAÚDE DA FAMILIA E COMUNIDADE/2016

EDITAL SIMPLIFICADO 001/2016 SELEÇÃO PRECEPTORES PARA ATUAR NO PROGRAMA DE RESIDÊNCIA MULTIPROFISSIONAL EM SAÚDE DA FAMILIA E COMUNIDADE/2016 EDITAL SIMPLIFICADO 001/2016 SELEÇÃO PRECEPTORES PARA ATUAR NO PROGRAMA DE RESIDÊNCIA MULTIPROFISSIONAL EM SAÚDE DA FAMILIA E COMUNIDADE/2016 A Comissão de Residência Multiprofissional em Área Profissional

Leia mais

PLANO DE ENFRENTAMENTO DA EPIDEMIA DE AIDS E DAS DST ENTRE A POPULAÇÃO DE GAYS, HSH E TRAVESTIS SERGIPE

PLANO DE ENFRENTAMENTO DA EPIDEMIA DE AIDS E DAS DST ENTRE A POPULAÇÃO DE GAYS, HSH E TRAVESTIS SERGIPE PLANO DE ENFRENTAMENTO DA EPIDEMIA DE AIDS E DAS DST ENTRE A POPULAÇÃO DE GAYS, HSH E TRAVESTIS SERGIPE METAS ATIVIDADES PARCERIAS EXECUSSÃO CRONOGRAMA - Articular, mediante a criação de uma rede via internet

Leia mais

Programa Minha Casa Minha Vida Uma abordagem objetiva

Programa Minha Casa Minha Vida Uma abordagem objetiva Programa Minha Casa Minha Vida Uma abordagem objetiva Arnaldo Barcelos Superintendência Rio de Janeiro Centro Cláudio Martins Superintendência Centro Leste Fluminense Edma Gaspar Superintendência Rio de

Leia mais

EDITAL Nº 475, DE 03 DE AGOSTO DE 2016

EDITAL Nº 475, DE 03 DE AGOSTO DE 2016 EDITAL Nº 475, DE 03 DE AGOSTO DE 2016 O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP), por meio de sua Pró-reitoria de Extensão (PRX), tendo em vista o estabelecido na Portaria

Leia mais

EDITAL UEFS/TOPA - ETAPA 2010 ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA SELEÇÃO DE APOIO ADMINISTRATIVO DO PROGRAMA TODOS PELA ALFABETIZAÇÃO TOPA/UEFS

EDITAL UEFS/TOPA - ETAPA 2010 ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA SELEÇÃO DE APOIO ADMINISTRATIVO DO PROGRAMA TODOS PELA ALFABETIZAÇÃO TOPA/UEFS UNIVERSIDADE ESTADUAL DE FEIRA DE SANTANA Autorizada pelo Decreto Federal nº 77.496 de 27/04/76 Reconhecida pela Portaria Ministerial nº 874/86 de 19/12/86 Recredenciada pelo Decreto Estadual 9.271 de

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA nº 052/2015. Convênio PMSP/TERMO DE CONVÊNIO nº 025/2014/SDTE

CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA nº 052/2015. Convênio PMSP/TERMO DE CONVÊNIO nº 025/2014/SDTE CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA nº 052/2015 Convênio PMSP/TERMO DE CONVÊNIO nº 025/2014/SDTE A Central de Cooperativas e Empreendimentos Solidários do Brasil UNISOL, entidade sem fins econômicos, com sede

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DE PROVAS E TÍTULOS PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PROFESSOR DA EDUCAÇÃO SUPERIOR

PROCESSO SELETIVO DE PROVAS E TÍTULOS PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PROFESSOR DA EDUCAÇÃO SUPERIOR PROCESSO SELETIVO DE PROVAS E TÍTULOS PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PROFESSOR DA EDUCAÇÃO SUPERIOR EDITAL N. 008/2011/1 UNEMAT CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE NOVA XAVANTINA DEPARTAMENTO DE TURISMO A UNIVERSIDADE

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA EDITAL DE COTAÇÃO PRÉVIA 002/2015

TERMO DE REFERÊNCIA EDITAL DE COTAÇÃO PRÉVIA 002/2015 TERMO DE REFERÊNCIA EDITAL DE COTAÇÃO PRÉVIA 002/2015 A Sociedade Brasileira de Física, em atendimento ao disposto no Convênio nº. 796219/2013, celebrado entre a CAPES e a Sociedade Brasileira de Física,

Leia mais

Ministério da Educação UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ. Núcleo de Educação a Distância EDITAL 01/2017

Ministério da Educação UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ. Núcleo de Educação a Distância EDITAL 01/2017 Ministério da Educação UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ Núcleo de Educação a Distância EDITAL 01/2017 Edital de seleção de Tutor para o CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM DESIGN INSTRUCIONAL PARA EaD VIRTUAL: TECNOLOGIAS,

Leia mais

Projeto Inclusão Social Urbana Nós do Centro. Prefeitura de São Paulo União Européia

Projeto Inclusão Social Urbana Nós do Centro. Prefeitura de São Paulo União Européia Projeto Inclusão Social Urbana Nós do Centro Prefeitura de São Paulo União Européia Histórico do Projeto Cooperação técnica bilateral da Prefeitura de São Paulo com a União Européia com duração de quatro

Leia mais

BALANÇO DA POLÍTICA HABITACIONAL URBANA PMCMV - ENTIDADES FUNDO DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL - FDS

BALANÇO DA POLÍTICA HABITACIONAL URBANA PMCMV - ENTIDADES FUNDO DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL - FDS BALANÇO DA POLÍTICA HABITACIONAL URBANA PMCMV - ENTIDADES 2009-2014 FUNDO DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL - FDS MINHA CASA, MINHA VIDA - ENTIDADES PMCMV ENTIDADES/ FDS Produção e aquisição de unidades habitacionais

Leia mais

EDITAL PARA PROCESSO SELETIVO 006/2016

EDITAL PARA PROCESSO SELETIVO 006/2016 EDITAL PARA PROCESSO SELETIVO 006/2016 SELEÇÃO SIMPLIFICADA DE CANDIDATOS ÀS VAGAS DE APLICADOR DE COLETA NO PROJETO AVALIAÇÃO DA EFETIVIDADE, QUALIDADE DE IMPLEMENTAÇÃO E VALIDADE SOCIAL DO PROGRAMA FAMÍLIAS

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO N 02/2015

EDITAL DE SELEÇÃO N 02/2015 EDITAL DE SELEÇÃO N 02/2015 O INSTITUTO PARA O DESENVOLVIMENTO DA ECONOMIA FAMILIAR IDEF, pessoa jurídica de direito privado, associação sem fins lucrativos, com sede na Rua Dr. Otávio Lobo, nº 174/911

Leia mais

PROCESSO SELETIVO Nº 020/2015

PROCESSO SELETIVO Nº 020/2015 PROCESSO SELETIVO Nº 020/2015 REDE NACIONAL DE ECONOMIA SOLIDÁRIA E FEMINISTA A GUAYÍ, Organização da Sociedade Civil de Interesse Público, sediada na Rua José do Patrocínio 611, Bairro Cidade Baixa, Porto

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE PESSOAL CONTRATAÇÃO DE ASSESSOR TÉCNICO COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº 03/2016 -

EDITAL DE SELEÇÃO DE PESSOAL CONTRATAÇÃO DE ASSESSOR TÉCNICO COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº 03/2016 - EDITAL DE SELEÇÃO DE PESSOAL CONTRATAÇÃO DE ASSESSOR TÉCNICO COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº 03/2016 - A UNICAFES torna pública a realização de Cotação Eletrônica nº 03/2016 - do Tipo Melhor Técnica para contratação

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS 017/2016. Passagens Aéreas

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS 017/2016. Passagens Aéreas PROJETO: CIRCUITO COPAS DO BRASIL DE CANOAGEM 2016 COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS 017/2016 Passagens Aéreas COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS N 017/2016 DADOS DO PROJETO: Incentivo: Projeto aprovado nos termos da Lei

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA nº 043/2015. Convênio PMSP/TERMO DE CONVÊNIO nº 025/2014/SDTE

CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA nº 043/2015. Convênio PMSP/TERMO DE CONVÊNIO nº 025/2014/SDTE CHAMADA PÚBLICA SIMPLIFICADA nº 043/2015 Convênio PMSP/TERMO DE CONVÊNIO nº 025/2014/SDTE A Central de Cooperativas e Empreendimentos Solidários do Brasil UNISOL, entidade sem fins econômicos, com sede

Leia mais

EDITAL 010/2017 Câmpus Araraquara SELEÇÃO DE BOLSISTAS - BOLSA EXTENSÃO

EDITAL 010/2017 Câmpus Araraquara SELEÇÃO DE BOLSISTAS - BOLSA EXTENSÃO EDITAL 010/2017 Câmpus Araraquara SELEÇÃO DE BOLSISTAS - BOLSA EXTENSÃO ABERTURA O Diretor Geral do Câmpus Araraquara do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo, torna pública,

Leia mais

REGULAMENTO DA DISCIPLINA ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DA DISCIPLINA ATIVIDADES COMPLEMENTARES RESOLUÇÃO Nº117, DE 8 DE DEZEMBRO DE 2015. O COLEGIADO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA ELÉTRICA DA FACULDADE DE ENGENHARIAS, ARQUITETURA E URBANISMO E GEOGRAFIA da Fundação Universidade Federal de

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DE ANÁLISE DE CURRICULO E ENTREVISTA DESTINADO A CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PROFESSOR DA EDUCAÇÃO SUPERIOR

PROCESSO SELETIVO DE ANÁLISE DE CURRICULO E ENTREVISTA DESTINADO A CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PROFESSOR DA EDUCAÇÃO SUPERIOR PROCESSO SELETIVO DE ANÁLISE DE CURRICULO E ENTREVISTA DESTINADO A CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PROFESSOR DA EDUCAÇÃO SUPERIOR EDITAL N 004/2012 UNEMAT/EMERGENCIAL A, no uso de suas atribuições legais e em

Leia mais

MINUTA EM CONSTRUÇÃO

MINUTA EM CONSTRUÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO OESTE DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR UNIVERSITÁRIO MINUTA EM CONSTRUÇÃO RESOLUÇÃO POLÍTICA DE AÇÕES AFIRMATIVAS E PROMOÇÃO DA IGUALDADE ÉTNICO-RACIAL Institui a Política de Ações Afirmativas

Leia mais

HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO

HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA 001/2016 PARA SELEÇÃO DE SUPERVISORES MÉDICOS PARA O PROGRAMA DE VALORIZAÇÃO PROFISSIONAL DA ATENÇÃO BÁSICA (PROVAB) COORDENADO PELO HOSPITAL UNIVERSITÁRIO DA UNIVERSIDADE FEDERAL

Leia mais

Contratação de prestação de serviços pessoa física para elaboração de estudos/papers

Contratação de prestação de serviços pessoa física para elaboração de estudos/papers Instituto de Economia Contratação de prestação de serviços pessoa física para elaboração de estudos/papers A Universidade Estadual de Campinas UNICAMP, CNPJ/MF 46.068.425/0001-33, cidade Universitária

Leia mais

PROJETO REDE DE MARACANAÚ SOLIDÁRIA DO ESTADO DO CEARÁ

PROJETO REDE DE MARACANAÚ SOLIDÁRIA DO ESTADO DO CEARÁ PROJETO REDE DE MARACANAÚ SOLIDÁRIA DO ESTADO DO CEARÁ TERMO DE REFERÊNCIA Instituto de Assessoria para o Desenvolvimento Humano - IADH Processo Seletivo Simplificado Processo Administrativo nº: 00/06

Leia mais

EDITAL N.º 001 / 2017 PROCESSO DE SELEÇÃO PROFISSIONAL PARA A ESCOLA FAMÍLIA AGRÍCOLA DE VEREDINHA MG.

EDITAL N.º 001 / 2017 PROCESSO DE SELEÇÃO PROFISSIONAL PARA A ESCOLA FAMÍLIA AGRÍCOLA DE VEREDINHA MG. EDITAL N.º 001 / 2017 PROCESSO DE SELEÇÃO PROFISSIONAL PARA A ESCOLA FAMÍLIA AGRÍCOLA DE VEREDINHA MG. 1. APRESENTAÇÃO DA INSTITUIÇÃO: A Escola Família Agrícola de Veredinha é uma instituição de ensino

Leia mais

EDITAL PROCESSO SELETIVO FUNDAÇÃO EDUCACIONAL MONTE BELO Nº 02/2015

EDITAL PROCESSO SELETIVO FUNDAÇÃO EDUCACIONAL MONTE BELO Nº 02/2015 EDITAL PROCESSO SELETIVO FUNDAÇÃO EDUCACIONAL MONTE BELO Nº 02/2015 A Fundação Educacional Monte Belo, com sede na Alberto de Oliveira Santos, nº 42, Loja 02, Centro, Vitória/ES CEP: 29010-901, torna público

Leia mais

PROJETO DGM/FIP/BRASIL

PROJETO DGM/FIP/BRASIL PROJETO DGM/FIP/BRASIL Histórico do Processo DGM/FIP/BRASIL O DGM-BRASIL foi preparado como uma parceria conjunta com os principais interessados, ou seja: os Povos Indígenas, Quilombolas e Comunidades

Leia mais

SELEÇÃO DE PROJETOS DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL - FUNASA ANEXOS

SELEÇÃO DE PROJETOS DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL - FUNASA ANEXOS SELEÇÃO DE PROJETOS DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL - FUNASA ANEXOS ANEXO I PROJETO BÁSICO Identificação da instituição Proponente (Papel Timbrado) I. CARACTERIZAÇÃO DA ENTIDADE PROPONENTE: 1.1. Identificação da

Leia mais

RELATÓRIO DE ATIVIDADES

RELATÓRIO DE ATIVIDADES Util. Públ. Municipal:.686/1998 Util. Públ. Estadual: 14.37/010 PABX: (55) 13 3383 166 RELATÓRIO DE ATIVIDADES Exercício 015 1 Util. Públ. Municipal:.686/1998 Util. Públ. Estadual: 14.37/010 PABX: (55)

Leia mais

PLANO DE AÇÃO CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE DE PALHOÇA

PLANO DE AÇÃO CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE DE PALHOÇA 2012 PLANO DE AÇÃO CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE DE PALHOÇA POLÍTICAS DE PROTEÇÃO POLÍTICA PÚBLICA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL/ PROTEÇÃO ESPECIAL META: COMBATE AO TRABALHO INFANTIL

Leia mais

Políticas Públicas de Prevenção e Atenção para DST/HIV/AIDS na Saúde Mental no Brasil

Políticas Públicas de Prevenção e Atenção para DST/HIV/AIDS na Saúde Mental no Brasil Seminário PRISSMA-PESSOAS Rio de Janeiro, RJ 13 e 14 de março de 2008 Políticas Públicas de Prevenção e Atenção para DST/HIV/AIDS na Mental no Brasil Cristina de A. Possas Unidade de Pesquisa e Desenvolvimento

Leia mais

ATUAÇÃO DA CPA. Roteiro. Avaliação do ensino superior. Avaliação do Ensino Superior. Autoavaliação na UFMS

ATUAÇÃO DA CPA. Roteiro. Avaliação do ensino superior. Avaliação do Ensino Superior. Autoavaliação na UFMS ATUAÇÃO DA CPA Avaliação do ensino superior Roteiro Avaliação do Ensino Superior Legislação SINAES Autoavaliação Institucional Dimensões Autoavaliação na UFMS Instrumentos AVALIAÇÃO DO ENSINO SUPERIOR

Leia mais

COLETA DE PREÇOS nº 01/2014

COLETA DE PREÇOS nº 01/2014 COLETA DE PREÇOS nº 01/2014 1. PREÂMBULO 1.1. A ASSOCIAÇÃO MUSEU AFRO BRASIL, torna pública a realização de Seleção de Fornecedores na modalidade Coleta de Preços, pelo critério de menor preço, objetivando

Leia mais

O FIA DESAFIOS DO MARCO REGULATÓRIO. Lei 411/2003 Instituiu a Política de Direitos da Criança e do Adolescente em Blumenau

O FIA DESAFIOS DO MARCO REGULATÓRIO. Lei 411/2003 Instituiu a Política de Direitos da Criança e do Adolescente em Blumenau O FIA DESAFIOS DO MARCO REGULATÓRIO Lei 411/2003 Instituiu a Política de Direitos da Criança e do Adolescente em Blumenau História do FIA Blumenau Captação e Aplicação dos Recursos até 2009 As Entidades

Leia mais

Camisas competição manga longa 35 Camisas competição em manga curta 35 Bermudas competição 29

Camisas competição manga longa 35 Camisas competição em manga curta 35 Bermudas competição 29 COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇOS N 024/2016 DADOS DO PROJETO: Incentivo: Projeto aprovado nos termos da Lei de Incentivo ao Esporte Título do projeto: Competições Internacionais de Canoagem N do processo ME: 58.701.003622/2015-67

Leia mais