REGULAMENTO DE SELEÇÃO DE PROJETOS EM SAÚDE VISANDO A PARTICIPAÇÃO NO FORUM IHI DE QUALIDADE EM SAÚDE E VISITA AO CINCINNATI CHILDREN S HOSPITAL.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "REGULAMENTO DE SELEÇÃO DE PROJETOS EM SAÚDE VISANDO A PARTICIPAÇÃO NO FORUM IHI DE QUALIDADE EM SAÚDE E VISITA AO CINCINNATI CHILDREN S HOSPITAL."

Transcrição

1 REGULAMENTO DE SELEÇÃO DE PROJETOS EM SAÚDE VISANDO A PARTICIPAÇÃO NO FORUM IHI DE QUALIDADE EM SAÚDE E VISITA AO CINCINNATI CHILDREN S HOSPITAL. Art. 1º - Este regulamento tem como objetivo selecionar Projetos de melhoria da qualidade em saúde dentre os participantes do curso Ciência da Melhoria na Prática, como requisito de participação dos cooperados e empregados das Cooperativas de Saúde, no 26 Fórum IHI de Qualidade em Saúde, na cidade de Orlando, Flórida, Estados Unidos, dias 7 a 10/12/2014 e visita técnica ao Cincinnati Children s Hospital na cidade de Cincinnati, Ohio, dias 4 e 5/12/2014. Art. 2 - O curso Ciência da Melhoria na Prática idealizado e realizado, conjuntamente, pelo Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado de São Paulo SP, Confederação Nacional das Cooperativas Médicas UNIMED DO BRASIL, Fundação UNIMED e Institute for Healthcare Improvement IHI, tem como objetivo formar recursos humanos e realizar projetos de melhoria do cuidado em saúde, e divulgar as melhores experiências, oferecendo uma oportunidade de todas as organizações de saúde para compartilhar as experiências e conquistas (nacionais e internacionais) em qualidade do atendimento. Art. 3 - A seleção dos projetos, além de definir a participação no Fórum, visa, também, reconhecer o importante papel do aprimoramento das ações de qualidade assistencial e segurança do paciente, nas Cooperativas de Saúde e, ainda, engajar e estimular a multiplicação dos conhecimentos adquiridos, o aperfeiçoamento profissional e a implantação de tecnologias de gestão da saúde, no ambiente daquelas Cooperativas, de modo a valorizar projetos que visem a Melhoria da Qualidade em Saúde. DOS PARTICIPANTES Art. 4º - Somente as cooperativas em situação regular, adimplentes na OCB/OCESP e SESCOOP/SESCOOP- SP, e que estejam participando do curso Ciência da Melhoria na Prática são elegíveis para inscrição de projetos, podendo apresentar somente 01 (uma) inscrição por projeto. Art. 5º - As cooperativas podem apresentar mais de uma inscrição, a depender da quantidade de projetos de melhoria que estejam desenvolvendo, no âmbito do curso Ciência da Melhoria na Prática. Art. 6º - A equipe do projeto deverá ser composta no máximo por: 04 (quatro) participantes da cooperativa, sendo 03 (três) participantes da equipe do curso Ciência da Melhoria na Prática, além do Presidente ou Dirigente cooperativa, em exercício. Art. 7º - Ficam impedidos de participar os projetos de autoria dos membros da Comissão Julgadora, Comissão Organizadora, responsáveis pela organização do intercâmbio, dirigentes ou empregados do Sescoop/SP; DAS CATEGORIAS TEMÁTICAS 1/11

2 Art. 8º - Os projetos concorrentes devem estar relacionados a uma das categorias temáticas abaixo discriminadas, ficando livre a escolha da categoria de interesse. I. Melhoria contínua na área de assistência hospitalar. II. Melhoria contínua na área de atendimento ambulatorial. III. Melhoria contínua na área administrativa. IV. Experiências em comunidades saudáveis. V. Experiências na promoção e prevenção. DO PROCESSO DE PARTICIPAÇÃO Art. 9º - A participação será realizada em duas fases, sendo a primeira a fase de análise e homologação das inscrições e a segunda a fase de análise, homologação e classificação dos projetos. Art. 10º - As inscrições homologadas na primeira fase estarão automaticamente credenciadas a participar da segunda fase. Art. 11º - As inscrições dos projetos serão gratuitas e realizadas por meio do envio da ficha de inscrição (Anexo I) para o Art. 12º - As informações e a ficha de inscrição serão publicadas em área específica no site Art. 13º - As fichas enviadas fora do prazo estabelecido automaticamente estarão invalidadas. Art. 14º - Após análise da ficha de inscrição, a cooperativa receberá informando se a inscrição foi homologada e será publicada no site Art. 15º - No caso da não homologação da inscrição será enviada, juntamente com a informação as justificativas que motivaram tal procedimento. Art. 16º - Eventuais dúvidas sobre o processo de inscrição poderão ser resolvidas por meio do endereço eletrônico: Art. 17º - As cooperativas com inscrições homologadas serão comunicadas para participarem da segunda fase do processo, e deverão enviar a cópia do design gráfico do pôster do projeto, conforme instruções contidas no Anexo II para análise e classificação para o Art. 18º - Os projetos deverão observar os seguintes formatos de arquivo: I. Texto escrito: PDF ou JPG; II. Áudio: MP3; e III. Vídeo: MP4. Art. 19º - Os projetos deverão ser apresentados em língua portuguesa. 2/11

3 Art. 20º - Não serão aceitas, em nenhuma hipótese, trocas, alterações, inserções ou exclusões de partes ou do todo, dos projetos após a sua entrega. DA COMISSÃO ORGANIZADORA Art. 21º - O processo será conduzido por uma comissão organizadora composta por representantes do SESCOOP/SP e Unimed do Brasil. DA COMISSÃO JULGADORA Art. 22º - Os trabalhos serão avaliados por Comissão Julgadora, formada por 5 (cinco) membros, cujos nomes serão designados em Portaria do Presidente do SESCOOP/SP. DOS CRITÉRIOS DE JULGAMENTO Art. 23º - O processo será realizado em duas fases: I. Homologação da ficha de inscrição; II. Homologação do projeto. Art. 24º - A ficha de inscrição será analisada mediante o preenchimento das informações obrigatórias conforme modelo do Anexo I, bem como consulta da regularidade e adimplência da Cooperativa na Ocesp / OCB e no Sescoop-SP / Sescoop Nacional. O projeto será analisado e classificado com base na cópia do design gráfico, do pôster do projeto, conforme Anexo II e nos critérios de julgamento constante neste regulamento. Art. 25º - O formulário que será utilizado pela comissão julgadora para avaliar e classificar os projetos será o modelo constante do Anexo III deste Regulamento. Art. 26º - Serão premiados os projetos observando os seguintes critérios de julgamento: A) Clareza Título atraente, refletindo o projeto que está sendo exibido. Objetivo claramente definido para o projeto, incluindo o impacto desejado (meta), o indicador de resultado e o tempo para alcançar o objetivo. Método utilizado. Resumo claro, conciso e direto do projeto realizado. B) Avaliação e impacto As mudanças realizadas para alcançar a melhoria no processo selecionado. Uma representação gráfica do impacto produzido nos indicadores com as mudanças realizadas evidenciado que as mudanças foram melhoria. Resultados. Diagramas, gráficos e figuras expostas com clareza, concisão e sem detalhes desnecessários. Resultados consistentes Explicação sobre como as mudanças foram testadas ou foram adaptadas ao ambiente local ou à organização antes de serem implementadas. 3/11

4 Explicação de como as mudanças foram implementadas para atingir a melhoria. As lições aprendidas a partir da experiência e uma mensagem para os leitores. A conclusão é consistente com os dados e/ou as observações, demonstra que os resultados são derivados da implementação de mudanças, demonstra a importância do impacto produzido para a organização e para os clientes/usuários do processo. C) Replicabilidade Experiência útil, possível de implementar e com obtenção dos resultados esperados. Aplicável a outras organizações de saúde com processos similares. D) Originalidade e importância da experiência Conteúdo lógico. Organizado para ser eficaz. E) Validade Metodologia clara, válida. Ferramentas e instrumentos usados são validos. F) Pontualidade Envio das entregas: relatórios mensais, atividades de PDSA [P-Plan (Planejar) D-Do (Fazer) S-Study (Estudar/Analisar) A-Act (Agir)], lições on-line do Open School] nas datas estabelecidas. Art. 27º - Pontuação para cada critério: Critério Pontuação Clareza 10 Replicabilidade 10 Avaliação e impacto 40 Originalidade e importância 10 Validade 20 Pontualidade 10 Total de pontos válidos 100 Art. 28º - Todos os projetos serão classificados em ordem decrescente com base na pontuação recebida e nos critérios de desempate definidos neste regulamento. Serão escolhidos os 03 (três) primeiros. Art. 29º - Cada avaliador preencherá o formulário de julgamento contendo os critérios e as notas máximas para cada item totalizando 100 pontos. O projeto poderá alcançar no máximo 500 pontos. Art. 30º - Os avaliadores desqualificarão os trabalhos que não atenderem aos requisitos obrigatórios do design gráfico do pôster completamente preenchidos. Art. 31º - É expressamente proibido que os projetos contenham anúncios de produtos ou serviços no intuito de propaganda ou comercialização, sob pena de desclassificação. 4/11

5 Art. 32º - Havendo empate na classificação serão considerados os seguintes itens e pontuações para desempate: 1) Avaliação e impacto; 2) Validade; 3) Replicabilidade; 4) Originalidade e importância; 5) Clareza; 6) Pontualidade. Art. 33º - A consolidação das notas de cada jurado para cada trabalho será coordenada pelo presidente da Comissão Julgadora. DA SELEÇÃO DOS PROJETOS Art. 34º - Serão selecionados os 3 (três) melhores projetos pelo critério de pontuação, independentemente da categoria temática. Parágrafo único. Os projetos serão avaliados e classificados de acordo com a pontuação; Art. 35º - Os participantes selecionados receberão do SESCOOP/SP: 1) Certificado de reconhecimento dos bons resultados em melhoria da saúde a equipe do projeto; 2) Participação e apresentação do projeto no 26º Fórum Anual IHI de Melhoria da Qualidade em Saúde (cidade de Orlando, Flórida, Estados Unidos, dias 7-10/12/2014) promovido pelo IHI (Institute for Healthcare Improvement) e recebimento do certificado, por projeto/cooperativa; 3) Visita técnica ao Cincinnati Children s Hospital Medical Center (cidade de Cincinnati, Ohio, dias 4-5/12/2014); 4) Passagem aérea (São Paulo-Cincinnati-Orlando-São Paulo); 5) Hospedagem (Cincinnati e Orlando);); 6) Traslados (aeroporto-hotel-centro de convenções-hospital); 7) Taxa de inscrições no 26º Fórum Anual IHI de Melhoria da Qualidade em Saúde; 8) Seguro viagem. DO RESULTADO Art. 36º - O SESCOOP/SP enviará para o contato responsável de cada cooperativa informando os vencedores e também serão publicados no site Art. 37º - Os participantes deverão assinar o Termo de Compromisso conforme Resolução de Viagem Internacional nº 022/2013, e enviar cópia do passaporte e visto americano válidos, além de possuir carteira de vacinação atualizada se for o caso. Na formalização do Termo de Compromisso cada participante deverá tomar ciência dos termos, obrigações e condições com relação à prestação de contas e relatórios comprobatórios da execução da ação previsto na Resolução de Viagem Internacional nº 022/ /11

6 Parágrafo único. Caso algum membro da equipe não tenha visto ou passaporte válidos deverão providenciar e enviar ao SESCOOP/SP. As despesas de emissão/renovação do visto e passaporte serão por conta de cada participante. Art. 38º - O SESCOOP/SP realizará um evento preparatório para o intercâmbio quando será entregue um certificado à cooperativa pelo reconhecimento dos bons resultados em melhoria da saúde e aprsentação dos detalhes técnicos da visita ao Cincinnati Children s Hospital e da participação no Fórum IHI de Qualidade em Saúde. Art. 39º - Caso por algum motivo as passagens e hospedagens já tenham sido compradas e o participante não possa embarcar, as despesas serão por conta da cooperativa ou participante. Art. 40º - No caso de desistência da equipe classificada a comissão julgadora convocará, seguindo a ordem de classificação geral a equipe do próximo projeto classificado. DO CRONOGRAMA DE ATIVIDADES Art. 41º - A comunicação da data, horário e detalhes das atividades, incluindo prazo para desistência da cooperativa serão por meio de para o contato do responsável de cada cooperativa e publicada em área específica no site DAS DISPOSIÇÕES FINAIS Art. 42º - A participação implica a aceitação, por parte dos participantes, de todas as exigências regulamentares pertinentes. Parágrafo único. O não cumprimento de qualquer das exigências regulamentares acarretará na desclassificação do projeto. Art. 43º - Os trabalhos inscritos poderão ser objeto de reprodução, no todo ou em parte, em iniciativas de responsabilidade dos organizadores do SESCOOP/SP, tais como peças de divulgação institucional, livros, revistas, folhetos, vídeos, filmes, sítios da Internet, eventos e exposições onde predomine o caráter informativo ou cultural, independentemente de remuneração ou pagamento ao seu autor ou autores. Art. 44º - Os candidatos inscritos são responsáveis pela autoria e conteúdo dos trabalhos, não cabendo qualquer responsabilidade aos realizadores por eventual desrespeito aos direitos autorais de terceiros. Art. 45º - Durante a viagem, os participantes deverão seguir todas as orientações do representante do SESCOOP/SP responsável pela condução do evento. Art. 46º - Ao final do evento no exterior as equipes vencedoras deverão emitir relatório técnico o qual será orientado pelo representante do SESCOOP/SP. Art. 47º - Os casos omissos serão resolvidos pela Comissão Julgadora e, após a dissolução desta, pelo Presidente do SESCOOP/SP. ANEXO I FICHA DE INSCRIÇÃO 6/11

7 FICHA DE INSCRIÇÃO PARTICIPAÇÃO NO FORUM IHI DE QUALIDADE EM SAÚDE E VISITA AO CINCINNATI CHILDREN S HOSPITAL. Informações Gerais Cooperativa Presidente da Cooperativa Secretária Telefone Cidade Celular Estado Membros da Equipe que estão concorrendo à seleção Nome Cargo 1) 2) 3) 4) Dados do Projeto Título do Projeto Categoria de participação do projeto ( ) 1- Melhoria continua na área de assistência hospitalar. ( ) 2 - Melhoria continua na área de atendimento ambulatorial. ( ) 3- Melhoria continua na área administrativa. ( ) 4 - Experiências em comunidades saudáveis. ( ) 5 - Experiências na promoção e prevenção. Descrição do projeto (máximo de 500 caracteres, incluindo espaços) Opcionalmente a cooperativa poderá adicionar fotos, vídeos ou depoimentos; Declaro que li e concordo com o Regulamento de Participação no Forum IHI de Qualidade em Saúde e visita ao Cincinnati Cuildren s Hospital. Assinatura do Presidente Data: 7/11

8 Ciente: (assinatura dos participantes) Nome Assinatura 1) 2) 3) 4) 8/11

9 ANEXO II DESIGN GRÁFICO DO PÔSTER O SESCOOP/SP, com base no 2011 Storyboard Handbook do IHI, desenvolveu as seguintes recomendações para o design de cartazes retratando os projetos de melhoria da qualidade nos cuidados de saúde: 1. Escolha um título atraente que reflete a experiência que vai ser exibida. 2. Coloque o objetivo da experiência claramente definido, incluindo a meta esperada no indicador do e o prazo para alcançar o resultado. 3. Inclua o método usado. Lembre-se de anexar a referência correspondente (se for o caso). 4. Inclua um resumo do projeto, técnicas utilizadas e estratégia de mudança que explica de forma clara e direta como o resultado foi alcançado. 5. Identificar as mudanças mais significativas realizadas que contribuíram para alcançar os resultados de melhoria no processo selecionado. Estas devem ser relacionadas com o projeto de melhoria realizado. 6. Inclua uma representação gráfica da melhoria obtida. Lembre-se de usar ferramentas estatísticas que demonstrem que as mudanças forma melhorias. Recomendamos não usar gráficos de barras ou de setores (pizza) porque não demonstram o impacto nos indicadores ao longo do tempo. 7. Inclua evidências claras de que as mudanças foram testadas ou adaptadas ao ambiente local/organização local. 8. Inclua uma explicação de como foram empregadas as medidas para atingir a melhoria que você deseja exibir. 9. Lembre-se de adicionar uma lista com o nome dos participantes da equipe multidisciplinar envolvida na realização do projeto de melhoria: especialistas no assunto, os pacientes, lideres etc. 10. Por último, adicione um breve resumo das lições aprendidas a partir da experiência e uma mensagem para os leitores. Nota: Lembre-se que este é um espaço privilegiado e uma oportunidade para mostrar os esforços que a sua organização está fazendo na melhoria da qualidade dos cuidados de saúde e também uma oportunidade para dar reconhecimento àqueles que conseguiram os bons resultados. 9/11

10 O projeto deverá ser descrito em uma página. Título do Projeto Escolha um título atraente que reflete a experiência que vai ser exibida Objetivo: Coloque o objetivo da experiência claramente definido, incluindo a meta esperada no indicador do e o prazo para alcançar o resultado. Método: Inclua o método usado. Lembre-se de anexar a referência correspondente (se for o caso). Representação Gráfica: Inclua uma representação gráfica da melhoria obtida. Lembre-se de usar ferramentas estatísticas que demonstrem que as mudanças forma melhorias. Recomendamos não usar gráficos de barras ou de setores (pizza) porque não demonstram o impacto nos indicadores ao longo do tempo. Utilizar os gráficos aprendidos no curso. Resumo: Inclua um resumo do projeto, técnicas utilizadas e estratégia de mudança que explica de forma clara e direta como o resultado foi alcançado. Mudanças: Identificar as mudanças mais significativas realizadas que contribuíram para alcançar os resultados de melhoria no processo selecionado. Estas devem ser relacionadas com o projeto de melhoria realizado. Evidências: Inclua evidências claras de que as mudanças foram testadas ou adaptadas ao ambiente local/organização local. Explicação das medidas empregadas: Inclua uma explicação de como foram empregadas as medidas para atingir a melhoria que você deseja exibir. Lições aprendidas: Adicione um breve resumo das lições aprendidas a partir da experiência Lista dos participantes: Lembre-se de adicionar uma lista com o nome dos participantes da equipe multidisciplinar envolvida na realização do projeto de melhoria: especialistas no assunto, os pacientes, lideres etc. Mensagem para os leitores: Incluir uma mensagem para os leitores. 10/11

11 ANEXO III FORMULÁRIO DE JULGAMENTO Projeto Cooperativa Avaliador Assinatura Clareza Avaliação e impacto Critério Descrição Pontuação Replicabilidade Título atraente, refletindo o projeto que está sendo exibido. Objetivo claramente definido para o projeto, incluindo o impacto desejado (meta), o indicador de resultado e o tempo para alcançar o objetivo. Método utilizado. Resumo claro, conciso e direto do projeto realizado. As mudanças realizadas para alcançar a melhoria no processo selecionado. Uma representação gráfica do impacto produzido nos indicadores com as mudanças realizadas evidenciado que as mudanças foram melhoria. Resultados. Diagramas, gráficos e figuras expostas com clareza, concisão e sem detalhes desnecessários. Resultados consistentes Explicação sobre como as mudanças foram testadas ou foram adaptadas ao ambiente local ou à organização antes de serem implementadas. Explicação de como as mudanças foram implementadas para atingir a melhoria. As lições aprendidas a partir da experiência e uma mensagem para os leitores. A conclusão é consistente com os dados e/ou as observações, demonstra que os resultados são derivados da implementação de mudanças, demonstra a importância do impacto produzido para a organização e para os clientes/usuários do processo. Experiência útil, possível de implementar e com obtenção dos resultados esperados. Aplicável a outras organizações de saúde com processo similares Nota do Avaliador Originalidade e importância da experiência Conteúdo logico. Organizado para ser eficaz. 10 Validade Pontualidade Metodologia clara, válida. Ferramentas e instrumentos usados são validos. Envio das entregas (relatórios mensais, PDSA s, atividades open school, entre outras) nas datas estabelecidas. (esta informação será enviada pelo Núcleo de Desenvolvimento Humano da Unimed do Brasil, responsável por receber os relatórios mensais das equipes) Pontuação total /11

II PRÊMIO OCB/MS DE JORNALISMO

II PRÊMIO OCB/MS DE JORNALISMO O II PRÊMIO OCB/MS DE JORNALISMO é um programa institucional desenvolvido pelo Sistema OCB-SESCOOP/MS - Sindicato e Organização das Cooperativas Brasileiras do Estado no Mato Grosso do Sul e Serviço Nacional

Leia mais

MOSTRA DE PROJETOS 2015. Iniciativas Sociais que contribuem para o desenvolvimento local. REGULAMENTO Anexos I e II

MOSTRA DE PROJETOS 2015. Iniciativas Sociais que contribuem para o desenvolvimento local. REGULAMENTO Anexos I e II MOSTRA DE PROJETOS 2015 Iniciativas Sociais que contribuem para o desenvolvimento local REGULAMENTO Anexos I e II O Sesi Paraná, por meio do programa Sesi Indústria e Sociedade e do Movimento Nós Podemos

Leia mais

REGULAMENTO 1º PRÊMIO MARANHENSE DA PROPAGANDA

REGULAMENTO 1º PRÊMIO MARANHENSE DA PROPAGANDA 1 DA EMPRESA PROMOTORA REGULAMENTO 1º PRÊMIO MARANHENSE DA PROPAGANDA 1.1 A Televisão Mirante Ltda, empresa afiliada Rede Globo, com sede na capital do estado do Maranhão, à Avenida Ana Jansen, 200, São

Leia mais

REGULAMENTO. 1º - Serão aceitos projetos inovadores desenvolvidos em 2009 e 2010, e que já estejam no mercado por um período mínimo de 6 meses.

REGULAMENTO. 1º - Serão aceitos projetos inovadores desenvolvidos em 2009 e 2010, e que já estejam no mercado por um período mínimo de 6 meses. REGULAMENTO APRESENTAÇÃO Art. 1º O Prêmio de Nacional de Inovação na Indústria, promovido pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) e pelo Movimento Brasil Competitivo (MBC), com o apoio da Financiadora

Leia mais

MEIO AMBIENTE E CIDADANIA

MEIO AMBIENTE E CIDADANIA REGULAMENTO A Universidade Comunitária da Região de Chapecó, em conjunto com a Caixa Econômica Federal, abre inscrições para 6º Prêmio Unochapecó/Caixa de Jornalismo Ambiental 2014 e dá outras providências.

Leia mais

2.1 Os projetos que demonstrarem resultados (quádrupla meta) serão compartilhados na Convenção Nacional.

2.1 Os projetos que demonstrarem resultados (quádrupla meta) serão compartilhados na Convenção Nacional. O Prêmio Inova+Saúde é uma iniciativa da SEGUROS UNIMED que visa reconhecer as estratégias de melhoria e da qualidade e segurança dos cuidados com a saúde dos pacientes e ao mesmo tempo contribua com a

Leia mais

REGULAMENTO 2015 PRÊMIO SER HUMANO ABRH PB MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS - ORGANIZAÇÃO

REGULAMENTO 2015 PRÊMIO SER HUMANO ABRH PB MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS - ORGANIZAÇÃO Página 1 A. OBJETIVO A.1. O Prêmio Ser Humano ABRH PB - Modalidade Gestão de Pessoas - Profissional, premia casos de caráter técnico ou organizacional, relacionados à projetos implantados pelo profissional,

Leia mais

Rodovia MS 80, Km 10 Campo Grande, MS CEP: 79114-901 fone: 0XX67 368-0100 www.detran.ms.gov.br

Rodovia MS 80, Km 10 Campo Grande, MS CEP: 79114-901 fone: 0XX67 368-0100 www.detran.ms.gov.br EDITAL 01 DICOE DETRAN-MS O Diretor Presidente do Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul, no uso de suas atribuições legais, torna público para conhecimento dos interessados que, no período

Leia mais

PROGRAMA BRASIL ARTE CONTEMPORÂNEA Primeira edição do Prêmio "Publicações em língua estrangeira de Arte Contemporânea"

PROGRAMA BRASIL ARTE CONTEMPORÂNEA Primeira edição do Prêmio Publicações em língua estrangeira de Arte Contemporânea PROGRAMA BRASIL ARTE CONTEMPORÂNEA Primeira edição do Prêmio "Publicações em língua estrangeira de Arte Contemporânea" EDITAL DE SELEÇÃO PÚBLICA PREÂMBULO A Fundação Bienal de São Paulo convoca interessados

Leia mais

Modalidade Franqueado

Modalidade Franqueado PRÊMIO o cumprimento ABF DESTAQUE de todos os critérios FRANCHISING deste Categoria regulamento, selecionando Sustentabilidade os melhores trabalhos. Modalidade Franqueado REGULAMENTO Objetivos O Prêmio

Leia mais

Festival de Vitória 21º Vitória Cine Vídeo. 16º Concurso de Roteiro Capixaba

Festival de Vitória 21º Vitória Cine Vídeo. 16º Concurso de Roteiro Capixaba 1 Festival de Vitória 21º Vitória Cine Vídeo 16º Concurso de Roteiro Capixaba A GALPÃO PRODUÇÕES, empresa privada com sede à Rua Professora Maria Cândida da Silva, nº 115 - Bairro República Vitória - Espírito

Leia mais

ANÁLISE DOS OBJETIVOS DE DESENVOLVIMENTO DO MILÊNIO NO BRASIL CHAMADA PÚBLICA REGULAMENTO

ANÁLISE DOS OBJETIVOS DE DESENVOLVIMENTO DO MILÊNIO NO BRASIL CHAMADA PÚBLICA REGULAMENTO ANÁLISE DOS OBJETIVOS DE DESENVOLVIMENTO DO MILÊNIO NO BRASIL CHAMADA PÚBLICA REGULAMENTO O PROGRAMA DAS NAÇÕES UNIDAS PARA O DESENVOLVIMENTO (PNUD), EM PARCERIA COM A SECRETARIA-GERAL DA PRESIDÊNCIA DA

Leia mais

REGULAMENTO CAPÍTULO I DA FINALIDADE

REGULAMENTO CAPÍTULO I DA FINALIDADE REGULAMENTO O SINDICATO DAS EMPRESAS DE INFORMÁTICA DO ESPÍRITO SANTO SINDINFO/ES promove, com apoio da START YOU UP e sua empresa de educação empreendedora STARTIFY, a I Edição do Prêmio SINDINFO de Trabalhos

Leia mais

REGULAMENTO 2015 PRÊMIO SER HUMANO ABRH PB MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL RESPONSABILIDADE SOCIAL- TERCEIRO SETOR

REGULAMENTO 2015 PRÊMIO SER HUMANO ABRH PB MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL RESPONSABILIDADE SOCIAL- TERCEIRO SETOR Página 1 A. OBJETIVO A.1. O Prêmio Ser Humano ABRH-PB - Desenvolvimento Sustentável e Responsabilidade Social / Organização do Terceiro Setor tem o objetivo de reconhecer e premiar projetos desenvolvidos

Leia mais

2.2.1 O prazo final de inscrição é 25 (vinte e cinco) de Setembro de 2014.

2.2.1 O prazo final de inscrição é 25 (vinte e cinco) de Setembro de 2014. 1. R E G U L A M E N T O O 1º PRÊMIO ABP DE JORNALISMO é uma iniciativa da Associação Brasileia de Psiquiatria ABP, que é uma associação científica sem fins lucrativos. O evento visa premiar e reconhecer

Leia mais

1.3. Este Concurso é de cunho exclusivamente cultural e recreativo.

1.3. Este Concurso é de cunho exclusivamente cultural e recreativo. REGULAMENTO DO CONCURSO PARA O MBA LIVRE EM MERCADOS DE CAPITAIS E DERIVATIVOS e MBA LIVRE EM GESTÃO DE RISCO FINANCEIRO INSTITUTO EDUCACIONAL BM&FBOVESPA e VALOR ECONÔMICO 1. CONCURSO 1.1. O Concurso

Leia mais

EDITAL PARA A MOSTRA DE FOTOGRAFIA HISTÓRIA E MEMÓRIA EM SAÚDE DOS TERRITÓRIOS DE VIDA

EDITAL PARA A MOSTRA DE FOTOGRAFIA HISTÓRIA E MEMÓRIA EM SAÚDE DOS TERRITÓRIOS DE VIDA EDITAL PARA A MOSTRA DE FOTOGRAFIA HISTÓRIA E MEMÓRIA EM SAÚDE DOS TERRITÓRIOS DE VIDA A Rede Unida Norte vem por meio deste, tornar público o presente Edital da Mostra de Fotografia História e Memória

Leia mais

12º PRÊMIO SER HUMANO ABRH-ES EDIÇÃO 2015

12º PRÊMIO SER HUMANO ABRH-ES EDIÇÃO 2015 12º PRÊMIO SER HUMANO ABRH-ES EDIÇÃO 2015 REGULAMENTO A ABRH-ES (Associação Brasileira de Recursos Humanos Seccional Espírito Santo) é integrante do Sistema Nacional ABRH e configura-se como instituição

Leia mais

EDITAL N. 4/2013 CES-TJMT II CONCURSO DE TALENTOS MUSICAIS DO PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DE MATO GROSSO

EDITAL N. 4/2013 CES-TJMT II CONCURSO DE TALENTOS MUSICAIS DO PODER JUDICIÁRIO DO ESTADO DE MATO GROSSO EDITAL N. 4/2013 CES-TJMT II CONCURSO DE TALENTOS MUSICAIS DO DO ESTADO DE MATO GROSSO O Tribunal de Justiça/MT realiza o II CONCURSO DE TALENTOS MUSICAIS DOS MAGISTRADOS E SERVIDORES DO /MT, mediante

Leia mais

REGULAMENTO PRÊMIO FORTALECER

REGULAMENTO PRÊMIO FORTALECER REGULAMENTO PRÊMIO FORTALECER 1. O Prêmio 1.1. Apresentação O Prêmio Fortalecer é uma iniciativa da ThyssenKrupp CSA Siderúrgica do Atlântico (TKCSA), dentro do escopo do PROGRAMA FORTALECER. Este prêmio

Leia mais

TERMO DE ADITAMENTO AO REGULAMENTO DO 1º PRÊMIO COMIGO DE JORNALISMO REGULAMENTO GERAL

TERMO DE ADITAMENTO AO REGULAMENTO DO 1º PRÊMIO COMIGO DE JORNALISMO REGULAMENTO GERAL TERMO DE ADITAMENTO AO REGULAMENTO DO 1º PRÊMIO COMIGO DE JORNALISMO A Promotora do Prêmio Comigo de Jornalismo alterou os itens [1.1 e 1.2], tornando-se necessário ajustar o Regulamento do mesmo, que

Leia mais

REGULAMENTO Prêmio IEL de Estágio 2014

REGULAMENTO Prêmio IEL de Estágio 2014 REGULAMENTO Prêmio IEL de Estágio 2014 Curitiba, Fevereiro de 2014 Sumário 1. O PRÊMIO... 3 2. OBJETIVOS... 4 3. CATEGORIAS DE PREMIAÇÃO... 5 4. ETAPAS DE AVALIAÇÃO... 5 5. PREMIAÇÃO... 5 6. PARTICIPAÇÃO/INSCRIÇÃO...

Leia mais

B2. Os cases poderão ser de autoria individual ou em coautoria, porém será entregue apenas um troféu por case vencedor.

B2. Os cases poderão ser de autoria individual ou em coautoria, porém será entregue apenas um troféu por case vencedor. PRÊMIO SER HUMANO PAULO FREIRE 2014 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS / PROFISSIONAL A. OBJETIVO A1. O Prêmio Ser Humano Paulo Freire Modalidade Gestão de Pessoas / Profissional premia casos de caráter técnico

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO E GESTÃO-SEPLAG PRÊMIO DE INCENTIVO À INOVAÇÃO EM GESTÃO EDITAL Nº 02/2010

PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO E GESTÃO-SEPLAG PRÊMIO DE INCENTIVO À INOVAÇÃO EM GESTÃO EDITAL Nº 02/2010 PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO E GESTÃO-SEPLAG PRÊMIO DE INCENTIVO À INOVAÇÃO EM GESTÃO EDITAL Nº 02/2010 A Prefeitura Municipal de Palmas torna pública a abertura

Leia mais

Regulamento do 20º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal

Regulamento do 20º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal Regulamento do 20º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal A Fundação Escola Nacional de Administração Pública (Enap) torna público o regulamento do 20º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal.

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA SECRETARIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA SECRETARIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA SECRETARIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS Edital de Seleção do Programa de Intercâmbio Internacional Colégio de Aplicação João XXIII 2015 (PII-JOÃO 2015) A Secretaria de

Leia mais

I PREMIO BRASILEIRO DE FOTOGEOGRAFIA Tema: Paisagens Brasileiras Edição 2015 REGULAMENTO RETIFICADO

I PREMIO BRASILEIRO DE FOTOGEOGRAFIA Tema: Paisagens Brasileiras Edição 2015 REGULAMENTO RETIFICADO I PREMIO BRASILEIRO DE FOTOGEOGRAFIA Tema: Paisagens Brasileiras Edição 2015 DISPOSIÇÕES INICIAIS REGULAMENTO RETIFICADO O PREMIO BRASILEIRO DE FOTOGEOGRAFIA, é uma iniciativa do Laboratório de Geoiconografia

Leia mais

critérios para indicação referem-se à abrangência e qualidade do trabalho, sua permanência, amplitude e articulação das ações.

critérios para indicação referem-se à abrangência e qualidade do trabalho, sua permanência, amplitude e articulação das ações. Art. 1º O Prêmio VIVALEITURA foi criado por meio da Portaria Interministerial nº 214, de 23 de novembro de 2005, publicado no D.O.U. de 28.11.2005, do Ministério da Cultura e do Ministério da Educação.

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO ECO DESAFIO PROJETOS SUSTENTÁVEIS DE CAPTAÇÃO, ARMAZENAMENTO, TRATAMENTO E UTILIZAÇÃO DA ÁGUA DA CHUVA.

REGULAMENTO DO CONCURSO ECO DESAFIO PROJETOS SUSTENTÁVEIS DE CAPTAÇÃO, ARMAZENAMENTO, TRATAMENTO E UTILIZAÇÃO DA ÁGUA DA CHUVA. REGULAMENTO DO CONCURSO ECO DESAFIO PROJETOS SUSTENTÁVEIS DE CAPTAÇÃO, ARMAZENAMENTO, TRATAMENTO E UTILIZAÇÃO DA ÁGUA DA CHUVA. APRESENTAÇÃO A Divisão de Gestão Ambiental DGA, unidade responsável pelo

Leia mais

EDITAL PI IPCIT - Nº001/2012 - PRPPGI/IFAM PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INCENTIVO À PESQUISA CIENTÍFICA E INOVAÇÃO TECNOLÓGICA PI-IPCIT

EDITAL PI IPCIT - Nº001/2012 - PRPPGI/IFAM PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INCENTIVO À PESQUISA CIENTÍFICA E INOVAÇÃO TECNOLÓGICA PI-IPCIT EDITAL PI IPCIT - Nº001/2012 - PRPPGI/IFAM PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INCENTIVO À PESQUISA CIENTÍFICA E INOVAÇÃO TECNOLÓGICA PI-IPCIT PROJETOS DE PESQUISA CIENTÍFICA E INOVAÇÃO TECNOLÓGICA DO IFAM Maio

Leia mais

APOIO A PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS EDITAL Nº001/2015 - APEC

APOIO A PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS EDITAL Nº001/2015 - APEC APOIO A PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS EDITAL Nº001/2015 - APEC O Governo do Estado do Maranhão e a Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTEC), por meio da Fundação de Amparo

Leia mais

2ª EDIÇÃO DO PRÊMIO MULHER DE NEGÓCIOS DE CAIEIRAS REGULAMENTO

2ª EDIÇÃO DO PRÊMIO MULHER DE NEGÓCIOS DE CAIEIRAS REGULAMENTO REGULAMENTO Este Regulamento estabelece normas, condições e diretrizes para a realização da II Edição do Prêmio Mulher de Negócios de Caieiras, promovido pela Prefeitura Municipal de Caieiras, Secretaria

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA INSTITUCIONAL 1º Semestre de 2016

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA INSTITUCIONAL 1º Semestre de 2016 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA INSTITUCIONAL 1º Semestre de 2016 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as normas para

Leia mais

Projeto SAE BRASIL AeroDesign

Projeto SAE BRASIL AeroDesign Seção São José dos Campos Projeto SAE BRASIL AeroDesign Concurso de Fotos Via Instagram Projeto AeroDesign: Ajudando a Formar os Líderes de Amanhã Índice 1. Introdução 2. Regulamento do Concurso 3. Estrutura

Leia mais

REGULAMENTO DO I CONCURSO E MOSTRA DE FOTOGRAFIA DO IFRS CÂMPUS CANOAS - FOTOGRAFE SUA CIDADE

REGULAMENTO DO I CONCURSO E MOSTRA DE FOTOGRAFIA DO IFRS CÂMPUS CANOAS - FOTOGRAFE SUA CIDADE REGULAMENTO DO I CONCURSO E MOSTRA DE FOTOGRAFIA DO IFRS CÂMPUS CANOAS - FOTOGRAFE SUA CIDADE I DOS PROMOTORES Art. 1 : O I Concurso e Mostra de Fotografia do IFRS Câmpus Canoas, sob o tema Fotografe Sua

Leia mais

B1. Os cases deverão constituir real contribuição prática ao avanço técnico ou operacional da gestão de pessoas.

B1. Os cases deverão constituir real contribuição prática ao avanço técnico ou operacional da gestão de pessoas. PRÊMIO SER HUMANO OSWALDO CHECCIA 2014 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS / ORGANIZAÇÃO A. OBJETIVO A1. O Prêmio Ser Humano Oswaldo Checchia - Modalidade Gestão de Pessoas / Organização, premia os cases ou

Leia mais

PRÊMIO SERTÃO EMPREENDEDOR EDITAL

PRÊMIO SERTÃO EMPREENDEDOR EDITAL PRÊMIO SERTÃO EMPREENDEDOR EDITAL A Universidade Estadual de Alagoas UNEAL, através da Direção do Campus II Santana do Ipanema, e o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural em Alagoas SENAR/AL convidam os

Leia mais

R E G U L A M E N T O

R E G U L A M E N T O R E G U L A M E N T O I CONCURSO MUNICIPAL DE JINGLE CAPÍTULO I - DO OBJETO Art. 1º A Associação Comercial e Industrial de Bagé-ACIBa, a Administração Pública Municipal e as Entidades parceiras, através

Leia mais

EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO DOS CURSOS DE APERFEIÇOAMENTO MULTIPROFISSIONAL SEGUNDO SEMESTRE DE 2015.

EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO DOS CURSOS DE APERFEIÇOAMENTO MULTIPROFISSIONAL SEGUNDO SEMESTRE DE 2015. EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO DOS CURSOS DE APERFEIÇOAMENTO MULTIPROFISSIONAL SEGUNDO SEMESTRE DE 2015. O torna público o Edital para os cursos de Aperfeiçoamento Multiprofissional, segundo semestre

Leia mais

2.1 Fazer um justo reconhecimento a todos os alunos e professores que contribuem no empenho em ações que resultem em um mundo melhor;

2.1 Fazer um justo reconhecimento a todos os alunos e professores que contribuem no empenho em ações que resultem em um mundo melhor; REGULAMENTO 3º Prêmio UniBH de Sustentabilidade 1 CARACTERIZAÇÃO 1.1 O Prêmio UniBH de Sustentabilidade tem o propósito de identificar, reconhecer, valorizar e premiar os esforços dos alunos e dos professores

Leia mais

PRÊMIO ADELMO GENRO FILHO DE PESQUISA EM JORNALISMO 8ª EDIÇÃO 2013

PRÊMIO ADELMO GENRO FILHO DE PESQUISA EM JORNALISMO 8ª EDIÇÃO 2013 PRÊMIO ADELMO GENRO FILHO DE PESQUISA EM JORNALISMO 8ª EDIÇÃO 2013 REGULAMENTO I - DO PRÊMIO Art. 1º - A Associação Brasileira de Pesquisadores em Jornalismo (SBPJor) concederá, anualmente, o Prêmio Adelmo

Leia mais

PRÊMIO DE INOVAÇÃO UNIVERSITÁRIA EM RH

PRÊMIO DE INOVAÇÃO UNIVERSITÁRIA EM RH PRÊMIO DE INOVAÇÃO UNIVERSITÁRIA EM RH A. OBJETIVO E TEMA CENTRAL A1. O Prêmio de inovação universitária em RH premia projetos inovadores de alunos de graduação e recém formados (até 2 anos) referentes

Leia mais

REGULAMENTO 17º PRÊMIO EMPRESA CIDADÃ ADVB/SC 2015

REGULAMENTO 17º PRÊMIO EMPRESA CIDADÃ ADVB/SC 2015 REGULAMENTO 17º PRÊMIO EMPRESA CIDADÃ ADVB/SC 2015 Resumo do Prêmio O Prêmio Empresa Cidadã ADVB/SC 2015 vai homenagear as empresas catarinenses que fazem da responsabilidade social o seu melhor exemplo,

Leia mais

PROGRAMA FORTALECER Edital de Projetos REGULAMENTO

PROGRAMA FORTALECER Edital de Projetos REGULAMENTO PROGRAMA FORTALECER Edital de Projetos REGULAMENTO Sumário 1. O EDITAL... 2 1.1. Natureza e objetivos... 2 1.2. Princípios orientadores... 2 1.3. Foco temático do edital... 2 2. QUEM PODE PARTICIPAR...

Leia mais

INFORME DO PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS

INFORME DO PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS INFORME DO PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS FACULDADE INDEPENDENTE DO NORDESTE A Direção Geral da Faculdade Independente do Nordeste, com vistas à chamada para seleção de alunos para o Programa Ciência

Leia mais

PRÊMIO TALENTO EM SUSTENTABILIDADE REGULAMENTO 2015

PRÊMIO TALENTO EM SUSTENTABILIDADE REGULAMENTO 2015 PRÊMIO TALENTO EM SUSTENTABILIDADE REGULAMENTO 2015 1. O PRÊMIO O Prêmio Talento em Sustentabilidade foi criado para reconhecer o trabalho de empregados, estagiários e terceiros do Grupo Votorantim que

Leia mais

REGULAMENTO ARTE MOVIE FESTIVAL DE CURTAS

REGULAMENTO ARTE MOVIE FESTIVAL DE CURTAS REGULAMENTO ARTE MOVIE FESTIVAL DE CURTAS A empresa Gaia Cultura & Arte, CNPJ: 10.709.140/0001-97, sediada na Rua Giordano Bruno, 160 na cidade de Porto Alegre, torna público, para o conhecimento dos interessados,

Leia mais

CONCURSO DE FOTOGRAFIAS UMA COMUNIDADE VÁRIOS OLHARES EDITAL 05/2015 PROEX-UEMG / FRA

CONCURSO DE FOTOGRAFIAS UMA COMUNIDADE VÁRIOS OLHARES EDITAL 05/2015 PROEX-UEMG / FRA CONCURSO DE FOTOGRAFIAS UMA COMUNIDADE VÁRIOS OLHARES EDITAL 05/2015 PROEX-UEMG / FRA PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MINAS GERAIS - UEMG FUNDAÇÃO DE APOIO E DESENVOLVIMENTO DE EDUCAÇÃO,

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO. Programa de Bolsas Fórmula Santander 2015

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO. Programa de Bolsas Fórmula Santander 2015 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO Programa de Bolsas Fórmula Santander 2015 Dispõe sobre o programa de Mobilidade Internacional de alunos de graduação da Universidade Potiguar UnP, especificamente a concessão

Leia mais

CONCURSO CULTURAL CRIAÇÃO DA LOGOMARCA PARA O NÚCLEO DE EMPREGABILIDADE E CARREIRA - NEC EDITAL/01/2015

CONCURSO CULTURAL CRIAÇÃO DA LOGOMARCA PARA O NÚCLEO DE EMPREGABILIDADE E CARREIRA - NEC EDITAL/01/2015 CONCURSO CULTURAL CRIAÇÃO DA LOGOMARCA PARA O NÚCLEO DE EMPREGABILIDADE E CARREIRA - NEC EDITAL/01/2015 A Escola de Serviço Público Municipal e Inclusão Socioeduacional torna público o presente edital

Leia mais

CONCURSO CULTURAL CRIAÇÃO DE IDENTIDADE VISUAL ( Logomarca ) PARA O PROJETO DE EXTENSÃO RESSURGIR. EDITAL 06/2013 de 30 de julho de 2013

CONCURSO CULTURAL CRIAÇÃO DE IDENTIDADE VISUAL ( Logomarca ) PARA O PROJETO DE EXTENSÃO RESSURGIR. EDITAL 06/2013 de 30 de julho de 2013 CONCURSO CULTURAL CRIAÇÃO DE IDENTIDADE VISUAL ( Logomarca ) PARA O PROJETO DE EXTENSÃO RESSURGIR EDITAL 06/2013 de 30 de julho de 2013 O projeto de extensão Ressurgir do Instituto Federal de Educação,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS GABINETE DO REITOR DEPARTAMENTO DE INTERCÂMBIO E PROGRAMAS INTERNACIONAIS

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS GABINETE DO REITOR DEPARTAMENTO DE INTERCÂMBIO E PROGRAMAS INTERNACIONAIS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS GABINETE DO REITOR DEPARTAMENTO DE INTERCÂMBIO E PROGRAMAS INTERNACIONAIS EDITAL DE SELEÇÃO N 03/2011/GR APRESENTAÇÃO A Universidade Federal do Pelotas,

Leia mais

PRÊMIO CREA-RS DE JORNALISMO ESPECIAL 80 ANOS

PRÊMIO CREA-RS DE JORNALISMO ESPECIAL 80 ANOS REGULAMENTO PRÊMIO CREA-RS DE JORNALISMO ESPECIAL 80 ANOS DISPOSIÇÕES GERAIS 1º. O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Rio Grande do Sul, sob coordenação da Gerência de Comunicação e Marketing

Leia mais

EDITAL DE INSCRIÇÃO DE TRABALHO CIENTÍFICO

EDITAL DE INSCRIÇÃO DE TRABALHO CIENTÍFICO EDITAL DE INSCRIÇÃO DE TRABALHO CIENTÍFICO REGULAMENTO PARA ENVIO DE TRABALHOS CIENTÍFICOS Poderão ser inscritos trabalhos científicos de todo o território brasileiro que se enquadrem na área temática

Leia mais

MINISTÉRIO DA CULTURA INSTITUTO BRASILEIRO DE MUSEUS. Chamada de Trabalhos para o 5º Fórum Nacional de Museus - 2012

MINISTÉRIO DA CULTURA INSTITUTO BRASILEIRO DE MUSEUS. Chamada de Trabalhos para o 5º Fórum Nacional de Museus - 2012 MINISTÉRIO DA CULTURA INSTITUTO BRASILEIRO DE MUSEUS Chamada de Trabalhos para o 5º Fórum Nacional de Museus - 2012 O Instituto Brasileiro de Museus Ibram abre chamada pública para o envio de trabalhos

Leia mais

I Concurso de Fotografia do Poder Judiciário de Mato Grosso

I Concurso de Fotografia do Poder Judiciário de Mato Grosso I Concurso de Fotografia do Poder Judiciário de Mato Grosso A Coordenadoria do Programa Bem Viver do Tribunal de Justiça do Estado de Mato Grosso realiza o I Concurso de Fotografia com o tema: " Um olhar

Leia mais

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE PREVENÇÃO A CEGUEIRA E REABILITAÇÃO VISUAL EDITAL 01/14 DO PROCESSO SELETIVO PARA O CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM OFTALMOLOGIA

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE PREVENÇÃO A CEGUEIRA E REABILITAÇÃO VISUAL EDITAL 01/14 DO PROCESSO SELETIVO PARA O CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM OFTALMOLOGIA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE PREVENÇÃO A CEGUEIRA E REABILITAÇÃO VISUAL EDITAL 01/14 DO PROCESSO SELETIVO PARA O CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM OFTALMOLOGIA A Coordenação do Curso de Especialização em Oftalmologia

Leia mais

UNIVERSIDADE DO PORTO - COOPERAÇÃO COM PAÍSES LUSÓFONOS E LATINO-AMERICANOS

UNIVERSIDADE DO PORTO - COOPERAÇÃO COM PAÍSES LUSÓFONOS E LATINO-AMERICANOS UNIVERSIDADE DO PORTO - COOPERAÇÃO COM PAÍSES LUSÓFONOS E LATINO-AMERICANOS CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA, PARA ALUNOS DA UEA, REFERENTE A PROGRAMA DE MOBILIDADE ACADÊMICA NA UNIVERSIDADE DO PORTO (U. PORTO)

Leia mais

Modalidades/Categorias

Modalidades/Categorias 1 VII Prêmio EBAPE-FGV/MTur Monografias e Reportagens do Setor de Turismo REGULAMENTO O VII Prêmio EBAPE-FGV/MTur de Monografias e Reportagens do Setor de Turismo, idealizado pela Fundação Getulio Vargas

Leia mais

PRÊMIO DE JORNALISMO FAEPA/SENAR-PB 2015 REGULAMENTO. Encerramento das inscrições. Cerimônia de premiação dos vencedores

PRÊMIO DE JORNALISMO FAEPA/SENAR-PB 2015 REGULAMENTO. Encerramento das inscrições. Cerimônia de premiação dos vencedores PRÊMIO DE JORNALISMO FAEPA/SENAR-PB 2015 REGULAMENTO Calendário ATIVIDADES DATA Lançamento no site Encerramento das inscrições Anúncio oficial dos finalistas Cerimônia de premiação dos vencedores 03 de

Leia mais

Concurso de fotografias ''Criatividade do call center do Sintetel

Concurso de fotografias ''Criatividade do call center do Sintetel Concurso de fotografias ''Criatividade do call center do Sintetel Objetivo: O concurso de fotografia Criatividade do call center'' tem como principal objetivo a valorização da realidade no setor de teleatendimento,

Leia mais

EDITAL Nº 29/2013 IFRS-BG SELEÇÃO DE PROFESSOR SUPERVISOR DO PIBID-MATEMÁTICA ENSINO FUNDAMENTAL

EDITAL Nº 29/2013 IFRS-BG SELEÇÃO DE PROFESSOR SUPERVISOR DO PIBID-MATEMÁTICA ENSINO FUNDAMENTAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL CÂMPUS BENTO GONÇALVES EDITAL Nº 29/2013 IFRS-BG SELEÇÃO

Leia mais

2.2 Valorizar o magistério, incentivando os estudantes que optam pela carreira docente; 2.3 Promover a melhoria da qualidade da educação básica;

2.2 Valorizar o magistério, incentivando os estudantes que optam pela carreira docente; 2.3 Promover a melhoria da qualidade da educação básica; MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MINAS GERAIS CAMPUS BAMBUÍ GABINETE DO DIRETOR GERAL Fazenda Varginha Rodovia

Leia mais

Regulamento Prêmio Bom Design 2015

Regulamento Prêmio Bom Design 2015 Regulamento Prêmio Bom Design 2015 (Projetos de janeiro de 2014 até julho 2015) a. CARACTERIZAÇÃO O Prêmio Bom Design é uma premiação dos trabalhos de graduação e equivalentes das instituições de ensino

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM GESTÃO DE MARKETING 1º Semestre de 2016

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM GESTÃO DE MARKETING 1º Semestre de 2016 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM GESTÃO DE MARKETING 1º Semestre de 2016 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as normas para inscrição

Leia mais

EDITAL PRÊMIO GUNGA IDENTIDADE E CULTURA

EDITAL PRÊMIO GUNGA IDENTIDADE E CULTURA EDITAL PRÊMIO GUNGA IDENTIDADE E CULTURA 1. APRESENTAÇÃO Com base nos valores da economia solidária e da cultura livre, o Estúdio Gunga empresa de comunicação focada na criação de sites, editoração gráfica,

Leia mais

Poderão ser aceitos no programa os candidatos que obtiverem nota superior ou igual a 8 (oito), seguindo a distribuição indicada acima.

Poderão ser aceitos no programa os candidatos que obtiverem nota superior ou igual a 8 (oito), seguindo a distribuição indicada acima. INSTITUTO DE CIÊNCIAS MATEMÁTICAS E DE COMPUTAÇÃO - UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO DEPARTAMENTO DE ESTATÍSTICA - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES AOS PROCESSOS SELETIVOS nº

Leia mais

Edital DIRGER Nº 03/2015

Edital DIRGER Nº 03/2015 1 Edital DIRGER Nº 03/2015 Dispõe sobre o Programa de Incentivo à Mobilidade Acadêmica para os acadêmicos dos cursos de graduação da Faculdade La Salle para o primeiro semestre de 2016. O Diretor Geral

Leia mais

SINEPE-ES em Ação REGULAMENTO

SINEPE-ES em Ação REGULAMENTO SINEPE-ES em Ação REGULAMENTO 1. Objetivos da Diplomação e Premiação A diplomação SINEPE-ES em Ação é uma iniciativa do Sindicato das Empresas Particulares de Ensino do Estado do Espírito Santo SINEPE/ES,

Leia mais

EDITAL Nº 01/2015 LECUID

EDITAL Nº 01/2015 LECUID EDITAL Nº 01/2015 LECUID Trata da seleção de membros voluntários para a Liga de Enfermagem de Cuidados Domiciliares LECUID A Coordenação da Liga de Enfermagem de Cuidados Domiciliares, com a proposta de

Leia mais

REGULAMENTO CIDADANIA ABRH-RS EDIÇÃO 2012 CATEGORIA ESTUDANTE

REGULAMENTO CIDADANIA ABRH-RS EDIÇÃO 2012 CATEGORIA ESTUDANTE REGULAMENTO CIDADANIA ABRH-RS EDIÇÃO 2012 CATEGORIA ESTUDANTE ARTIGO I DEFINIÇÃO E NATUREZA O Prêmio Cidadania, categoria Estudante, premia trabalhos de caráter técnico ou científico, referente a implementação

Leia mais

EDITAL Nº 12/2015/REITORIA/IFTO, DE 30 DE MARÇO DE 2015. CHAMADA Nº 1/2015 LÍDERES EMERGENTES DAS AMÉRICAS/CRAI/PROEX/REITORIA/IFTO

EDITAL Nº 12/2015/REITORIA/IFTO, DE 30 DE MARÇO DE 2015. CHAMADA Nº 1/2015 LÍDERES EMERGENTES DAS AMÉRICAS/CRAI/PROEX/REITORIA/IFTO EDITAL Nº 12/2015//IFTO, DE 30 DE MARÇO DE 2015. CHAMADA Nº 1/2015 LÍDERES EMERGENTES DAS AMÉRICAS/CRAI/PROEX//IFTO O REITOR DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TOCANTINS, nomeado

Leia mais

CONCURSO GRITO DE GUERRA

CONCURSO GRITO DE GUERRA CONCURSO GRITO DE GUERRA REGULAMENTO CAPÍTULO I - DO CONCURSO GRITO DE GUERRA Art. 1º. O concurso tem como objetivo fomentar a produção de um vídeo com temática de torcidas do IFSC câmpus Araranguá. O

Leia mais

REGULAMENTO RADICE PRODUÇÕES. 8º CONCURSO SAMBA DE QUADRA Troféu Nelson Sargento CLAUSULA 1º.- DO OBJETIVO.

REGULAMENTO RADICE PRODUÇÕES. 8º CONCURSO SAMBA DE QUADRA Troféu Nelson Sargento CLAUSULA 1º.- DO OBJETIVO. REGULAMENTO RADICE PRODUÇÕES APRESENTA 8º CONCURSO SAMBA DE QUADRA Troféu Nelson Sargento CLAUSULA 1º.- DO OBJETIVO. A RADICE PRODUÇÕES, estabelecida na cidade do Rio de Janeiro apresenta o 8º CONCURSO

Leia mais

PRÊMIO MELHOR EMPRESA PARA SE TRABALHAR NO ESPÍRITO SANTO. Regulamento

PRÊMIO MELHOR EMPRESA PARA SE TRABALHAR NO ESPÍRITO SANTO. Regulamento Regulamento A ABRH-ES (Associação Brasileira de Recursos Humanos - Seccional Espírito Santo) é integrante do Sistema Nacional ABRH e configura-se como instituição não governamental que dissemina conhecimento

Leia mais

FACULDADES SÃO CAMILO RIO DE JANEIRO II JORNADA CIENTÍFICA 17 DE MAIO DE 2008

FACULDADES SÃO CAMILO RIO DE JANEIRO II JORNADA CIENTÍFICA 17 DE MAIO DE 2008 FACULDADES SÃO CAMILO RIO DE JANEIRO II JORNADA CIENTÍFICA 17 DE MAIO DE 2008 EDITAL QUE REGULAMENTA A INSCRIÇÃO, APRESENTAÇÃO, AVALIAÇÃO E PREMIAÇÃO DOS TRABALHOS PARA A II JORNADA CIENTÍFICA DAS FACULDADES

Leia mais

REGULAMENTO. Modalidade Gestão de Pessoas Categoria Empresa

REGULAMENTO. Modalidade Gestão de Pessoas Categoria Empresa A. Objetivo O Prêmio Ser Humano ABRH Amazonas, premia casos relacionados à Gestão de Pessoas, implantados, preferencialmente desenvolvidos por equipes, no âmbito da organização, seja ela de qualquer ramo

Leia mais

DESCRITIVO DO PROCESSO DE SELEÇÃO PARA O CARGO DE AGENTE DE ATENDIMENTO NAS UNIDADES DO SESC DA GRANDE SÃO PAULO

DESCRITIVO DO PROCESSO DE SELEÇÃO PARA O CARGO DE AGENTE DE ATENDIMENTO NAS UNIDADES DO SESC DA GRANDE SÃO PAULO DESCRITIVO DO PROCESSO DE SELEÇÃO PARA O CARGO DE AGENTE DE ATENDIMENTO NAS UNIDADES DO SESC DA GRANDE SÃO PAULO O presente documento é uma divulgação oficial de todos os critérios e procedimentos estabelecidos

Leia mais

CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA PARA ALUNOS DA UEA REFERENTE À BOLSA DE ESTUDOS PELO PROJETO DE QUALIFICAÇÃO INTERNACIONAL EM TURISMO E HOSPITALIDADE

CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA PARA ALUNOS DA UEA REFERENTE À BOLSA DE ESTUDOS PELO PROJETO DE QUALIFICAÇÃO INTERNACIONAL EM TURISMO E HOSPITALIDADE CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA PARA ALUNOS DA UEA REFERENTE À BOLSA DE ESTUDOS PELO PROJETO DE QUALIFICAÇÃO INTERNACIONAL EM TURISMO E HOSPITALIDADE INSTRUÇÕES GERAIS O QUE É Chamada de Seleção Interna para

Leia mais

EDITAL ESMPU n. 001/2009

EDITAL ESMPU n. 001/2009 EDITAL ESMPU n. 001/2009 A Escola Superior do Ministério Público da União ESMPU comunica que está aberto o processo seletivo para Assessores do Ministério Público Federal, que atuem na área penal, visando

Leia mais

Grupo Educacional UNIS - MG Núcleo de Empreendedorismo do UNIS - NEUNIS

Grupo Educacional UNIS - MG Núcleo de Empreendedorismo do UNIS - NEUNIS 2º CONCURSO UNIVERSITÁRIO DE PLANOS DE NEGÓCIO DO UNIS 2015 REALIZAÇÃO: UNIS/MG REGULAMENTO CAPÍTULO 1 DOS OBJETIVOS Art. 1º O 2º Concurso Universitário de Planos de Negócio do Unis-MG é uma iniciativa

Leia mais

12º PRÊMIO APP MARKMÍDIA Regulamento 2015

12º PRÊMIO APP MARKMÍDIA Regulamento 2015 12º PRÊMIO APP MARKMÍDIA Regulamento 2015 1. Objetivos Incentivar o desenvolvimento e qualificação da propaganda na região de Londrina, por meio do reconhecimento da qualidade e da criatividade no planejamento

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E EXTENSÃO PRAÇA DAS PROFISSÕES

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E EXTENSÃO PRAÇA DAS PROFISSÕES Edital Praça das Nº 1-2015 Seleção de Bolsistas e Voluntários -2016 Aos estudantes dos Cursos de Graduação da UFCG: A Unidade Suplementar Praça das, desta Universidade, nos termos das disposições normativas

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO DIREITO PENAL 1º Semestre de 2016

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO DIREITO PENAL 1º Semestre de 2016 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO DIREITO PENAL 1º Semestre de 2016 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as normas para inscrição e matrícula

Leia mais

EXTRATO DO EDITAL N 39/2012 UEPA. PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS CAPES/CNPq/UEPA GRADUAÇÃO SANDUÍCHE.

EXTRATO DO EDITAL N 39/2012 UEPA. PROGRAMA CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS CAPES/CNPq/UEPA GRADUAÇÃO SANDUÍCHE. EXTRATO DO EDITAL N 39/2012 UEPA CAPES/CNPq/UEPA GRADUAÇÃO SANDUÍCHE. A Universidade do Estado do Pará (UEPA), por meio de sua Coordenadoria do Programa Ciência sem Fronteiras UEPA (PCsF-UEPA) e com o

Leia mais

R E G U L A M E N T O

R E G U L A M E N T O Premiação para associações comunitárias, empreendedores sociais, institutos de pesquisa, micro e pequenas empresas, ONGs e universidades sobre Iniciativas Inovadoras em Sustentabilidade R E G U L A M E

Leia mais

A1. A partir de 2013, a modalidade Gestão de Pessoas/Empresas contará com as seguintes categorias:

A1. A partir de 2013, a modalidade Gestão de Pessoas/Empresas contará com as seguintes categorias: PRÊMIO SER HUMANO OSWALDO CHECCIA 2013 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS/EMPRESAS A. OBJETIVO A modalidade Gestão de Pessoas/Empresas premia os casos relacionados à gestão de pessoas desenvolvidos e implantados,

Leia mais

B2. Os casos poderão ser de autoria individual ou em co-autoria, porém será entregue apenas um troféu por caso vencedor.

B2. Os casos poderão ser de autoria individual ou em co-autoria, porém será entregue apenas um troféu por caso vencedor. PRÊMIO SER HUMANO OSWALDO CHECCIA 2013 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS/PROFISSIONAL A. OBJETIVO A modalidade Gestão de Pessoas/Profissionais premia casos de caráter técnico ou organizacional, relacionados

Leia mais

CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA PARA ALUNOS DA UEA REFERENTE A GRADUAÇÃO SANDUICHE NA ALEMANHA. Chamada pública Programa Ciência sem Fronteiras n.

CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA PARA ALUNOS DA UEA REFERENTE A GRADUAÇÃO SANDUICHE NA ALEMANHA. Chamada pública Programa Ciência sem Fronteiras n. CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA PARA ALUNOS DA UEA REFERENTE A GRADUAÇÃO SANDUICHE NA ALEMANHA Chamada pública Programa Ciência sem Fronteiras n. 118/2012 O QUE É GESTOR Processo de seleção de candidatos de

Leia mais

REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO NA SEGUNDA FASE DO CURSO DE FORMAÇÃO PARA CERTIFICAÇÃO DE CAPITAL HUMANO EM LÍNGUA INGLESA

REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO NA SEGUNDA FASE DO CURSO DE FORMAÇÃO PARA CERTIFICAÇÃO DE CAPITAL HUMANO EM LÍNGUA INGLESA REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO NA SEGUNDA FASE DO CURSO DE FORMAÇÃO PARA CERTIFICAÇÃO DE CAPITAL HUMANO EM LÍNGUA INGLESA 1. APRESENTAÇÃO Este regulamento apresenta as regras e os critérios estabelecidos

Leia mais

XX JORNADA JURÍDICA ACADÊMICA DO CURSO DE DIREITO

XX JORNADA JURÍDICA ACADÊMICA DO CURSO DE DIREITO Estado, Direito Penal e Segurança Pública: perspectivas para o controle social São Luís/MA, 29 a 31 de outubro de 2013 Hotel Luzeiros. CAPITULO I - Das disposições gerais REGULAMENTO DA II MOSTRA CIENTÍFICA

Leia mais

XVI MOSTRA ABMR&A DE COMUNICAÇÃO EM MARKETING RURAL E AGRONEGÓCIO REGULAMENTO. Período de Inscrições: 24 de Agosto a 30 de Setembro de 2010.

XVI MOSTRA ABMR&A DE COMUNICAÇÃO EM MARKETING RURAL E AGRONEGÓCIO REGULAMENTO. Período de Inscrições: 24 de Agosto a 30 de Setembro de 2010. XVI MOSTRA ABMR&A DE COMUNICAÇÃO EM MARKETING RURAL E AGRONEGÓCIO REGULAMENTO Período de Inscrições: 24 de Agosto a 30 de Setembro de 2010. A Mostra ABMR&A de Comunicação em Marketing Rural e Agronegócio

Leia mais

AdDIARY EXCHANGE PROGRAM REALIZAÇÃO PUCPR DE 09 A 21 DE OUTUBRO DE 2015 EDITAL PUCPR / 2015

AdDIARY EXCHANGE PROGRAM REALIZAÇÃO PUCPR DE 09 A 21 DE OUTUBRO DE 2015 EDITAL PUCPR / 2015 AdDIARY EXCHANGE PROGRAM REALIZAÇÃO PUCPR DE 09 A 21 DE OUTUBRO DE 2015 EDITAL PUCPR / 2015 O AdDIARY EXCHANGE PROGRAM, a ser desenvolvido por estudantes universitários da PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA

Leia mais

Edital para a Mostra Fotográfica O que é saúde para você? Retificado

Edital para a Mostra Fotográfica O que é saúde para você? Retificado Edital para a Mostra Fotográfica O que é saúde para você? Retificado O Projeto de Extensão Promotores da Sáude: form(ação) para saúde e qualidade de vida no trabalho do Instituto Federal de Educação, Ciências

Leia mais

PRÊMIO ADELMO GENRO FILHO DE PESQUISA EM JORNALISMO 9ª EDIÇÃO 2014

PRÊMIO ADELMO GENRO FILHO DE PESQUISA EM JORNALISMO 9ª EDIÇÃO 2014 PRÊMIO ADELMO GENRO FILHO DE PESQUISA EM JORNALISMO 9ª EDIÇÃO 2014 REGULAMENTO I- DO PRÊMIO Art. 1º - A Associação Brasileira de Pesquisadores em Jornalismo (SBPJor) concederá, anualmente, o Prêmio Adelmo

Leia mais

REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO NO CURSO DE FORMAÇÃO TÉCNICA EM TESTES DE SOFTWARE PARA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA

REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO NO CURSO DE FORMAÇÃO TÉCNICA EM TESTES DE SOFTWARE PARA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA REGULAMENTO PARA PARTICIPAÇÃO NO CURSO DE FORMAÇÃO TÉCNICA EM TESTES DE SOFTWARE PARA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA 1. APRESENTAÇÃO Este regulamento apresenta as regras e os critérios estabelecidos pelo Núcleo

Leia mais

O presente documento é uma divulgação oficial de todos os critérios e procedimentos estabelecidos pelo SESC para este processo seletivo.

O presente documento é uma divulgação oficial de todos os critérios e procedimentos estabelecidos pelo SESC para este processo seletivo. DESCRITIVO DO PROCESSO DE SELEÇÃO PARA O CARGO AUXILIAR ADMINISTRATIVO FUNÇÃO DESIGNER GRÁFICO (Grande São Paulo, Presidente Prudente e S.José do Rio Preto) O presente documento é uma divulgação oficial

Leia mais

EDITAL Nº 003/2014 SETUR/RS

EDITAL Nº 003/2014 SETUR/RS EDITAL Nº 003/2014 SETUR/RS A SECRETARIA DE ESTADO DO TURISMO DO RIO GRANDE DO SUL SETUR/RS, torna público o presente EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA, visando à seleção de projetos com práticas inovadoras e

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, EXTENSÃO E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM EDUCAÇÃO (PPGE) MESTRADO ACADÊMICO EM EDUCAÇÃO

PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, EXTENSÃO E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM EDUCAÇÃO (PPGE) MESTRADO ACADÊMICO EM EDUCAÇÃO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, EXTENSÃO E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM EDUCAÇÃO (PPGE) MESTRADO ACADÊMICO EM EDUCAÇÃO Recomendado pela CAPES e Reconhecido pelo CNE: Parecer n. 122/2009

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO REITORIA COORDENADORIA DE ASSUNTOS INTERNACIONAIS

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO REITORIA COORDENADORIA DE ASSUNTOS INTERNACIONAIS EDITAL 07/2014/CAINT/UFOP, DE 22 DE MAIO DE 2014 PROGRAMA DE MOBILIDADE ACADÊMICA INTERNACIONAL A (CAINT) da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), considerando os convênios específicos de cooperação

Leia mais