REGULAMENTO. 10º Prêmio de Responsabilidade Social

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "REGULAMENTO. 10º Prêmio de Responsabilidade Social"

Transcrição

1 REGULAMENTO 10º Prêmio de Responsabilidade Social I DA INSTITUIÇÃO DA PREMIAÇÃO II DAS CATEGORIAS III DAS INSCRIÇÕES IV DOS PROJETOS V DO JULGAMENTO VI DAS DATAS VII DA COORDENAÇÃO I DA INSTITUIÇÃO DA PREMIAÇÃO Art. 1º O Prêmio de Responsabilidade Social, instituído pelo SINEPE/RS Sindicato do Ensino Privado que representa os Estabelecimentos de Ensino Privado do Rio Grande do Sul, é regido pelo conceito de envolvimento comunitário e é uma iniciativa exclusivamente social, sem fins lucrativos. Tem como objetivo distinguir e homenagear anualmente os melhores projetos de ação socioambiental e cultural que tenham sido desenvolvidos pelas Instituições de Educação Básica e de Ensino Superior associadas ao SINEPE/RS. II DAS CATEGORIAS Art. 2º O Prêmio de Responsabilidade Social é outorgado em três categorias: PRÁTICAS ECO-RESPONSÁVEIS - PRESERVAÇÃO E EDUCAÇÃO AMBIENTAL: Projetos destinados a promover e incentivar a conservação e o aprimoramento do meio ambiente. Serão distinguidos os trabalhos que realizam esforços simultâneos e bemsucedidos para conservar a biodiversidade, assim como os que respeitam o meio ambiente, com ações que gerem cuidados para não agredir a fauna, a flora e a própria existência humana. Também podem ser inscritos projetos e práticas referentes à sustentabilidade da instituição. Por exemplo: - A utilização da energia e da água de forma sustentável; - Práticas de consumo, utilização, descarte ou reutilização de insumos que são aproveitados pela instituição; 1

2 - Novas concepções arquitetônicas ou aprimoramentos em equipamentos da instituição, entre outros. PARTICIPAÇÃO COMUNITÁRIA: devem ser inscritos trabalhos voltados para atividades em benefício à comunidade, como, por exemplo, assistência a grupos especiais ou em situação de vulnerabilidade social, estímulo ao voluntariado, parceria com entidades locais, entre outras atividades. Serão destacados os trabalhos desenvolvidos por meio de ações comunitárias concretas e efetivas, enfrentando, resolvendo os problemas ou transformando cenários, que contemplem a todos e promovam oportunidades de aprendizado. DESENVOLVIMENTO CULTURAL: projetos destinados a promover e a incentivar a cultura, em campos como leitura, artes plásticas, música, teatro, cinema, entre outros, também serão notabilizadas as reflexões e práticas sobre novos temas culturais, como as dinâmicas culturais urbanas relacionadas a questões comportamentais, formas de expressão e conscientização, impacto das culturas digitais, e ainda projetos que visem aprofundar o debate sobre as gestões culturais na educação, na cidade e no país. Art. 3º Não serão aceitos trabalhos que tenham características ou induzam à promoção com fins exclusivamente comerciais. Parágrafo único Não poderão ser inscritos projetos baseados em medidas decorrentes apenas de imposição legal. III DAS INSCRIÇÕES Art. 4º Poderão participar do 10º Prêmio de Responsabilidade Social, Instituições de Educação Básica e de Ensino Superior associadas ao SINEPE/RS, por meio da inscrição de projetos nas categorias propostas pela premiação. Parágrafo único Não haverá restrição sobre o número de projetos inscritos por instituição em cada categoria. Art. 5º No formulário de inscrição deverá ser informado em qual categoria do Prêmio de Responsabilidade Social a instituição de ensino concorrerá. Art. 6º Apenas as instituições associadas que estejam com suas contribuições em dia com o Sindicato poderão concorrer à premiação. Art. 7º É vedado aos vencedores (ouro, prata e bronze) nas categorias do 9º Prêmio de Responsabilidade Social de 2014 concorrerem com o mesmo projeto na edição de

3 Art. 8º Estarão isentas de pagamento de taxas todas as inscrições realizadas. Art. 9º As inscrições serão realizadas em duas etapas: 1 Preenchimento da ficha de inscrição: é necessário preencher ficha de inscrição disponibilizada no hotsite dos Prêmios do SINEPE/RS identificando o projeto e sua respectiva categoria, além dos dados da instituição. É preciso preencher uma ficha de inscrição para cada projeto inscrito. 2 Postagem de trabalhos: a inscrição e a postagem deverão ser realizadas diretamente no hotsite. Não serão aceitos trabalhos impressos. Art. 10 Todos os trabalhos concorrentes deverão ser inscritos até o dia 14 de agosto de Art. 11 Os trabalhos que forem inscritos, sem a postagem dos mesmos, via hotsite, dentro do período de inscrição, serão automaticamente desclassificados. Art. 12 Ao se inscreverem, os candidatos ao 10º Prêmio de Responsabilidade Social, certos de que terão seus direitos autorais resguardados pela legislação nacional vigente, concordam em autorizar o Sindicato a utilizar gratuitamente seu nome, voz, imagem e trabalho/projeto inscrito, para a divulgação em meios de comunicação nacional e internacional, em português ou traduzido para outros idiomas, sejam impressos, eletrônicos e digitais. O SINEPE/RS se reserva o direito de publicar na íntegra ou em parte todos os trabalhos vencedores, em quaisquer veículos de comunicação de sua responsabilidade direta. IV DOS PROJETOS Art. 13 Os trabalhos deverão ser postados em formato digital em PDF, contendo as informações solicitadas neste Regulamento (vide Art. 14). O mesmo não poderá passar de 20 (vinte) páginas no seu total, incluindo anexos como ilustrações, fotos ou outros documentos. O tamanho do arquivo, a ser postado diretamente no hotsite, não poderá ser superior a 8 mega. 3

4 Parágrafo único Não há padrão especificado para a formatação visual dos trabalhos, para maior liberdade de criação dos participantes, desde que não se ultrapasse o limite de páginas definido e o formato digital exigido. Art. 14 Os trabalhos deverão relatar um projeto, observando a seguinte sequência de informações: Itens a serem apresentados Apresentação do projeto Apresentação da instituição educacional Descrição do cenário em que surgiu o projeto e justificativa para sua implantação Objetivos e desafios Envolvimento com os públicos de interesse Apresentação dos públicos de interesse do projeto (quantificar e qualificar o público); Formas de envolvimento Gestão do projeto Estratégias e ações adotadas para atingir os objetivos Metodologia de aplicação e execução do projeto Relato do impacto socioambiental Recursos necessários humanos, financeiros e materiais Aspectos inovadores relacionados à prática Resultados Resultados alcançados (quantitativos e qualitativos) Possibilidade de replicação prática Avaliação da continuidade do projeto/ação Mensuração da Geração de Valor para a sociedade e para a instituição Art. 15 O projeto deve descrever um ciclo de implantação de no mínimo 1 (um) ano, apresentando ações e resultados do ano anterior ou corrente. Parágrafo único Os projetos deverão conter o maior número possível de dados quantificados sobre os resultados, mesmo em percentagem, para permitir melhor avaliação. Art. 16 Os trabalhos apresentados devem ser verídicos em todos os seus dados, sob pena de desclassificação. Parágrafo único Caso sinta necessidade, o SINEPE/RS poderá solicitar comprovação ou informações de qualquer trabalho inscrito. V DO JULGAMENTO 4

5 Art. 17 Participarão do julgamento apenas as categorias que receberem no mínimo duas inscrições. No caso de uma única inscrição por categoria, esta não será premiada. Art. 18 O julgamento acontecerá em duas etapas. Na 1ª fase, os projetos inscritos serão examinados pela Comissão Julgadora, indicada pelo SINEPE/RS, que assegurará o atendimento de todos os requisitos deste Regulamento. Cada trabalho será analisado por cinco jurados. Art. 19 A Comissão Julgadora apontará os três projetos finalistas de cada categoria para a 2ª fase de avaliação, dentre aqueles que atingirem as melhores notas da 1ª fase. Sendo objetivo do Prêmio de Responsabilidade Social notabilizar trabalhos de real mérito, somente poderão participar da 2ª fase os trabalhos que obtiverem o mínimo de 70 (setenta) pontos de média na avaliação dos jurados. Em caso de haver somente um trabalho classificado, ele será proclamado o vencedor da categoria (troféu ouro), não precisando apresentar-se na audiência pública. Art. 20 Na 2ª fase do julgamento, os responsáveis pelos trabalhos finalistas serão convocados a comparecer à audiência pública, na presença de uma Comissão Julgadora, a fim de apresentar a defesa do projeto. O tempo de explanação será de 20 (vinte) minutos por trabalho. Art. 21 A ausência dos finalistas no local, data e horário designados pelo SINEPE/RS para a audiência pública, resultará na sua exclusão do processo de premiação. Art. 22 A confirmação da data e do local das audiências públicas será feita juntamente com a divulgação da lista dos trabalhos finalistas pelos meios de comunicação do SINEPE/RS, com antecedência mínima de 7 (sete) dias. Art. 23 Serão concedidos prêmios aos trabalhos com a maior média de pontos entre a 1ª e 2ª fases de avaliação. Se ocorrer empate, a decisão final será tomada pelo coordenador da Comissão Julgadora. Os três vencedores de cada categoria serão premiados com troféu e certificado. Art. 24 Para efetuar o julgamento, o júri, tanto da 1ª como da 2ª fase de avaliação, será soberano quanto ao seu método de trabalho, adotando como critério o exame das seguintes características dos projetos concorrentes: 5

6 Critérios Conceitos Peso Relevância na instituição Grau de importância e adequação ao cenário apresentado 20 Construção dos objetivos abrangência e nível de complexidade Prática e habilidade de produzir transformações Capacidade de manter a continuidade do projeto Envolvimento com os públicos de interesse Grau e formas de interação Atendimento das expectativas 15 Qualidade da gestão do projeto Resultados alcançados Qualidade da apresentação e das informações prestadas Qualidade e criatividade das estratégias e ações propostas Metodologia utilizada aplicação e execução Análise dos recursos utilizados humanos, financeiros e materiais Nível de inovação da prática Modificações positivas geradas frente aos objetivos propostos Mensuração e avaliação do projeto impactos gerados Clareza do conteúdo apresentado Estrutura e organização das informações prestadas TOTAL 100 Art. 25 Não será feita a divulgação dos concorrentes e da ordem de colocação dos projetos após o terceiro lugar, nem das notas fornecidas pelos jurados. Parágrafo único Da decisão do júri não cabe recurso de qualquer espécie, exceto aquele referente à veracidade dos dados apresentados. Art. 26 Os nomes dos integrantes do júri somente serão revelados no dia do evento de premiação. Art A divulgação dos contemplados com a colocação ouro, prata e bronze, em cada uma das categorias, será realizada somente no evento de entrega das premiações. VI DAS DATAS Art. 28 A premiação segue o seguinte cronograma*: 6

7 Inscrições: 18 de maio a 14 de agosto de 2015 Julgamento dos trabalhos: 24 de agosto a 13 de setembro de 2015 Divulgação dos finalistas: 23 de setembro de 2015 Audiências Públicas: 07 e 08 de outubro de 2015 Divulgação dos vencedores e entrega da premiação: 01 de dezembro de 2015 * As datas propostas podem sofrer alterações no decorrer da premiação. VII DA COORDENAÇÃO Art. 29 A realização, o desenvolvimento e a entrega do Prêmio de Responsabilidade Social são de responsabilidade do SINEPE/RS. Art. 30 As questões não previstas neste Regulamento serão dirimidas pela Diretoria do SINEPE/RS. 7

8 PRÊMIO DE EXCELÊNCIA EM RESPONSABILIDADE SOCIAL 2015 O Prêmio de Excelência em Responsabilidade Social é um reconhecimento especial do Prêmio de Responsabilidade Social para destacar as pessoas ou organizações que, além de demonstrarem a importância do exercício da cidadania, refletem seus bons exemplos e com isso disseminam essa cultura. Para o SINEPE/RS, quem contribui para o desenvolvimento social merece ser especialmente distinguido. Critérios de avaliação A escolha do vencedor do Prêmio de Excelência em Responsabilidade Social será feita por Comissão Especial, coordenada pelo Presidente do SINEPE/RS, que receberá sugestões dos associados através do formulário disponível no hotsite dos Prêmios ( até 23 de setembro. Disputarão o título todos os indicados, sendo o total máximo de cinco finalistas avaliados pela diretoria do SINEPE/RS. O processo final da eleição ocorrerá por meio de votação direta em data previamente agendada para esse fim. Aquele entre os indicados que obtiver maior número de votos será o vencedor do Prêmio de Excelência em Responsabilidade Social

REGULAMENTO SINDUSCON PREMIUM ETAPA LITORAL NORTE 2013. 1ª edição

REGULAMENTO SINDUSCON PREMIUM ETAPA LITORAL NORTE 2013. 1ª edição REGULAMENTO SINDUSCON PREMIUM ETAPA LITORAL NORTE 2013 1ª edição 1 DA INSTITUIÇÃO DA PREMIAÇÃO 1.1 O Sinduscon Premium Etapa Litoral Norte 1ª edição instituído pelo SINDUSCON RS, Sindicato das Indústrias

Leia mais

MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL/ORGANIZAÇÃO DO TERCEIRO SETOR

MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL/ORGANIZAÇÃO DO TERCEIRO SETOR PRÊMIO SER HUMANO OSWALDO CHECCIA 2013 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL/ORGANIZAÇÃO DO TERCEIRO SETOR A. OBJETIVO A modalidade Desenvolvimento Sustentável e Responsabilidade

Leia mais

A2. A modalidade Gestão de Pessoas / Acadêmica está dividida nas seguintes categorias:

A2. A modalidade Gestão de Pessoas / Acadêmica está dividida nas seguintes categorias: PRÊMIO SER HUMANO PAULO FREIRE 2015 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS / ACADÊMICA A. OBJETIVO A1. O Prêmio Ser Humano Paulo Freire Modalidade Gestão de Pessoas / Acadêmica premia trabalhos de caráter técnico

Leia mais

PORTARIA MMA Nº 202, DE 07 DE JUNHO DE 2013

PORTARIA MMA Nº 202, DE 07 DE JUNHO DE 2013 PORTARIA MMA Nº 202, DE 07 DE JUNHO DE 2013 A MINISTRA DE ESTADO DO MEIO AMBIENTE, no uso de suas atribuições, e tendo em vista o disposto na Lei nº 10.683, de 28 de maio de 2003, Decreto nº 6.101, de

Leia mais

Troféu O Construtor 2014/2015

Troféu O Construtor 2014/2015 Troféu O Construtor 2014/2015 1. Objetivos da premiação: Fortalecer e estimular o desenvolvimento do setor da Indústria da Construção, com iniciativas inovadoras economicamente viáveis, ambientalmente

Leia mais

REGULAMENTO 17º PRÊMIO EMPRESA CIDADÃ ADVB/SC 2015

REGULAMENTO 17º PRÊMIO EMPRESA CIDADÃ ADVB/SC 2015 REGULAMENTO 17º PRÊMIO EMPRESA CIDADÃ ADVB/SC 2015 Resumo do Prêmio O Prêmio Empresa Cidadã ADVB/SC 2015 vai homenagear as empresas catarinenses que fazem da responsabilidade social o seu melhor exemplo,

Leia mais

O reconhecimento de um trabalho bem realizado Melhoria na empregabilidade. Ter seu nome mencionado na mídia

O reconhecimento de um trabalho bem realizado Melhoria na empregabilidade. Ter seu nome mencionado na mídia MODALIDADE: Gestão de Pessoas CATEGORIA: Acadêmica Objetivo: O PRÊMIO SER HUMANO LUIZ HAMILTON BERTON, categoria Acadêmica, objetiva premiar os trabalhos de natureza científica, referente a qualquer área

Leia mais

PRÊMIO SER HUMANO ABRH/MA REGULAMENTO 2016 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL / EMPRESA CIDADÃ

PRÊMIO SER HUMANO ABRH/MA REGULAMENTO 2016 MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E RESPONSABILIDADE SOCIAL / EMPRESA CIDADÃ Página 1 A. OBJETIVO A.1. O Prêmio Ser Humano ABRH/MA - Modalidade Desenvolvimento Sustentável e Responsabilidade Social / Empresa Cidadã tem o objetivo de certificar projetos, a seguir denominados de

Leia mais

11º Mostra de Ações Socioambientais 2015 REGULAMENTO

11º Mostra de Ações Socioambientais 2015 REGULAMENTO Centro das Indústrias do Estado de São Paulo Grupo de Trabalho de Meio Ambiente - GTMA Grupo de Trabalho em Responsabilidade Social GTRS Diretoria Regional em Jacareí 11º Mostra de Ações Socioambientais

Leia mais

REGULAMENTO CIDADANIA ABRH-RS EDIÇÃO 2012 CATEGORIA ESTUDANTE

REGULAMENTO CIDADANIA ABRH-RS EDIÇÃO 2012 CATEGORIA ESTUDANTE REGULAMENTO CIDADANIA ABRH-RS EDIÇÃO 2012 CATEGORIA ESTUDANTE ARTIGO I DEFINIÇÃO E NATUREZA O Prêmio Cidadania, categoria Estudante, premia trabalhos de caráter técnico ou científico, referente a implementação

Leia mais

PRÊMIO PROCEL CIDADE EFICIENTE EM ENERGIA ELÉTRICA

PRÊMIO PROCEL CIDADE EFICIENTE EM ENERGIA ELÉTRICA PRÊMIO PROCEL CIDADE EFICIENTE EM ENERGIA ELÉTRICA FICHA DE INSCRIÇÃO 8 ª EDIÇÃO Prefeitura Municipal de Nome do(a) Prefeito(a) Endereço CEP UF Telefone Fax E-mail Responsável pelas informações (nome e

Leia mais

O Prêmio Antonio Carlos de Almeida Braga de Inovação em Seguros foi criado, em 2011, pela Confederação Nacional das

O Prêmio Antonio Carlos de Almeida Braga de Inovação em Seguros foi criado, em 2011, pela Confederação Nacional das Apresentação O Prêmio Antonio Carlos de Almeida Braga de Inovação em Seguros foi criado, em 2011, pela Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais, Previdência Privada e Vida, Saúde Suplementar

Leia mais

REGULAMENTO CATEGORIA MICRO, PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS

REGULAMENTO CATEGORIA MICRO, PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS REGULAMENTO CATEGORIA MICRO, PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS apoio: organização: CATEGORIA MICRO, PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS PRÊMIO NACIONAL DE CONSERVAÇÃO E USO RACIONAL DE ENERGIA EDIÇÃO 2009 1 O PRÊMIO Instituído

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BAGÉ SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO PRÊMIO PROFESSOR DO ANO 2011. Capítulo I: Do regulamento

PREFEITURA MUNICIPAL DE BAGÉ SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO PRÊMIO PROFESSOR DO ANO 2011. Capítulo I: Do regulamento PREFEITURA MUNICIPAL DE BAGÉ SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO PRÊMIO PROFESSOR DO ANO 2011 Capítulo I: Do regulamento ART 1 - O evento Prêmio Professor do Ano é uma promoção da SECRETARIA MUNICIPAL DE

Leia mais

ADENDO DE REGULAMENTO DO TOP DE MARKETING ADVB/RS 2014

ADENDO DE REGULAMENTO DO TOP DE MARKETING ADVB/RS 2014 ADENDO DE REGULAMENTO DO TOP DE MARKETING ADVB/RS 2014 PRÊMIOS-INCENTIVO ADVB/RS - TOP MINIEMPRESA ESCOLA E TOP STARTUP ADENDO DE REGULAMENTO DO TOP DE MARKETING ADVB/RS 2014 PRÊMIOS-INCENTIVO ADVB/RS

Leia mais

REGULAMENTO DO PRÊMIO SINEPE/PR DE PRÁTICAS INOVADORAS EM EDUCAÇÃO EDIÇÃO 2015

REGULAMENTO DO PRÊMIO SINEPE/PR DE PRÁTICAS INOVADORAS EM EDUCAÇÃO EDIÇÃO 2015 REGULAMENTO DO PRÊMIO SINEPE/PR DE PRÁTICAS INOVADORAS EM EDUCAÇÃO EDIÇÃO 2015 I OBJETIVO DA PREMIAÇÃO 1.1 - O PRÊMIO SINEPE/PR DE PRÁTICAS INOVADORAS EM EDUCAÇÃO EDIÇÃO 2015 é uma iniciativa do SINEPE/PR

Leia mais

Regulamento do 20º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal

Regulamento do 20º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal Regulamento do 20º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal A Fundação Escola Nacional de Administração Pública (Enap) torna público o regulamento do 20º Concurso Inovação na Gestão Pública Federal.

Leia mais

Prêmio. Participantes, Práticas Premiadas e Período de Execução REGULAMENTO PRÊMIO ANAMATRA DE DIREITOS HUMANOS 2014

Prêmio. Participantes, Práticas Premiadas e Período de Execução REGULAMENTO PRÊMIO ANAMATRA DE DIREITOS HUMANOS 2014 1 Prêmio O Prêmio Anamatra de Direitos Humanos 2014 consistirá na entrega de estatueta inspirada no Cilindro de Ciro e premiação em dinheiro para pessoas físicas ou jurídicas cujas ações se destaquem em

Leia mais

1ª EDIÇÃO DO PRÊMIO EXPERIÊNCIAS DE SUCESSO PROFESSOR NOTA 10 REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I

1ª EDIÇÃO DO PRÊMIO EXPERIÊNCIAS DE SUCESSO PROFESSOR NOTA 10 REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I Das Disposições Gerais 1ª EDIÇÃO DO PRÊMIO EXPERIÊNCIAS DE SUCESSO PROFESSOR NOTA 10 REGULAMENTO GERAL CAPÍTULO I Art. 1º - O Prêmio Experiências de Sucesso 2015 Professor Nota 10, é uma promoção da Secretaria

Leia mais

2.1 Fazer um justo reconhecimento a todos os alunos e professores que contribuem no empenho em ações que resultem em um mundo melhor;

2.1 Fazer um justo reconhecimento a todos os alunos e professores que contribuem no empenho em ações que resultem em um mundo melhor; REGULAMENTO 4º Prêmio UNA de SUSTENTABILIDADE Categoria Pós Graduação (Lato Sensu e Stricto Sensu) 1 CARACTERIZAÇÃO 1.1 O Prêmio UNA de SUSTENTABILIDADE tem o propósito de identificar, reconhecer, valorizar

Leia mais

REGULAMENTO. I CONCURSO NACIONAL DE FOTOGRAFIA DOS CORREIOS Vá mais longe 1. OBJETIVO

REGULAMENTO. I CONCURSO NACIONAL DE FOTOGRAFIA DOS CORREIOS Vá mais longe 1. OBJETIVO REGULAMENTO 1. OBJETIVO 1.1 O I Concurso Nacional de Fotografia dos Correios tem como objetivos reunir imagens que representem a atuação dos Correios, especialmente a relação da empresa com a sociedade;

Leia mais

PRÊMIO ASSESPRO-RJ MELHORES EMPRESAS EDIÇÃO 2015 EDITAL DE RETIFICAÇÃO

PRÊMIO ASSESPRO-RJ MELHORES EMPRESAS EDIÇÃO 2015 EDITAL DE RETIFICAÇÃO PRÊMIO ASSESPRO-RJ MELHORES EMPRESAS EDIÇÃO 2015 EDITAL DE RETIFICAÇÃO Rio de Janeiro, 31 de julho de 2015. www.assespro-rj.org.br/premioempresas Praça Pio X, 55/ 9º andar - Centro 20.070-900 Rio de Janeiro,

Leia mais

III CONCURSO DE FOTOGRAFIA FAE

III CONCURSO DE FOTOGRAFIA FAE III CONCURSO DE FOTOGRAFIA FAE REGULAMENTO Um olhar para o futuro I PROMOÇÃO E REALIZAÇÃO A. O Concurso de Fotografia da FAE é uma iniciativa promovida pela Coordenação do Núcleo Cultural do Programa de

Leia mais

1º É vedada a participação de funcionários e estagiários do IBGC, dos patrocinadores do prêmio ou dos pesquisadores associados ao IBGC.

1º É vedada a participação de funcionários e estagiários do IBGC, dos patrocinadores do prêmio ou dos pesquisadores associados ao IBGC. Art. 1º Idealizado pelo Instituto Brasileiro de Governança Corporativa, IBGC, o Prêmio IBGC de Trabalhos Acadêmicos em Governança Corporativa ( Prêmio ) será regido pelo presente Regulamento. Art. 2º O

Leia mais

REGULAMENTO. Modalidade Desenvolvimento Sustentável e Responsabilidade Social Categoria Empresa

REGULAMENTO. Modalidade Desenvolvimento Sustentável e Responsabilidade Social Categoria Empresa A. Objetivo O Prêmio Ser Humano Amazonas, Modalidade Desenvolvimento Sustentável e Responsabilidade Social, tem o objetivo de certificar projetos sociais desenvolvidos por empresas, segundo critérios de

Leia mais

PRÊMIO TUBAL SIQUEIRA 2014 REGULAMENTO AGÊNCIAS

PRÊMIO TUBAL SIQUEIRA 2014 REGULAMENTO AGÊNCIAS PRÊMIO TUBAL SIQUEIRA 2014 REGULAMENTO AGÊNCIAS 1) PARTICIPAÇÃO 1.1. Poderão participar do Prêmio Tubal Siqueira todas as agências de publicidade da área de cobertura da TV Integração. 1.2. As agências

Leia mais

Regulamento 30º Top de Marketing ADVB/RS

Regulamento 30º Top de Marketing ADVB/RS Regulamento 30º Top de Marketing ADVB/RS REGULAMENTO 30 TOP DE MARKETING ADVB/RS 1. Da Instituição 1.1. Fica instituído, pela Diretoria da ADVB/RS, o 30º TOP DE MARKETING ADVB-RS. 2. Dos Objetivos: 2.1.

Leia mais

11º Prêmio MASTERINSTAL REGULAMENTO

11º Prêmio MASTERINSTAL REGULAMENTO 11º Prêmio MASTERINSTAL REGULAMENTO 1. DO PRÊMIO Há mais de uma década o Prêmio MASTERINSTAL contribui para ampliar a visibilidade e o aperfeiçoamento da atividade empresarial dedicada à execução, manutenção

Leia mais

REGULAMENTO - 17º PRÊMIO EMPRESA CIDADÃ ADVB/SC 2015 - Categoria Micro e Pequena Empresa

REGULAMENTO - 17º PRÊMIO EMPRESA CIDADÃ ADVB/SC 2015 - Categoria Micro e Pequena Empresa REGULAMENTO - 17º PRÊMIO EMPRESA CIDADÃ ADVB/SC 2015 - Categoria Micro e Pequena Empresa Resumo do Prêmio O Prêmio Empresa Cidadã ADVB/SC 2015 Categoria MPE Homenageia as Micro e Pequenas Empresas catarinenses

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA

CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA RESOLUÇÃO Nº 1.907, DE 28 DE MARÇO DE 2014. Dispõe sobre o Regulamento do XX Prêmio Brasil de Economia. O CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA, no uso de suas atribuições legais e

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA CRA-MG, Nº 005 de 14 de maio de 2013. Aprova Regulamento do para a concessão do Prêmio CRA-MG na Estrada.

RESOLUÇÃO NORMATIVA CRA-MG, Nº 005 de 14 de maio de 2013. Aprova Regulamento do para a concessão do Prêmio CRA-MG na Estrada. RESOLUÇÃO NORMATIVA CRA-MG, Nº 005 de 14 de maio de 2013. Aprova Regulamento do para a concessão do Prêmio CRA-MG na Estrada. O CONSELHO REGIONAL DE ADMINISTRAÇÃO DE MINAS GERAIS, no uso da competência

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO MÃOS À OBRA - 2015

REGULAMENTO DO CONCURSO MÃOS À OBRA - 2015 REGULAMENTO DO CONCURSO MÃOS À OBRA - 2015 1. OBJETIVOS O Concurso MÃOS À OBRA tem por objetivo incentivar, aprofundar o debate sobre temas que impactam a competitividade da cadeia produtiva da construção

Leia mais

REGULAMENTO DO PRÊMIO NACIONAL OZIRES SILVA DE EMPREENDEDORISMO SUSTENTÁVEL

REGULAMENTO DO PRÊMIO NACIONAL OZIRES SILVA DE EMPREENDEDORISMO SUSTENTÁVEL REGULAMENTO DO PRÊMIO NACIONAL OZIRES SILVA DE EMPREENDEDORISMO SUSTENTÁVEL I. Natureza do Prêmio 1. O Prêmio Ozires Silva de Empreendedorismo Sustentável é uma iniciativa do Instituto Superior de Administração

Leia mais

REGULAMENTO PRÊMIO SINDITÊXTIL-SP INOVAÇÃO TECNOLÓGICA

REGULAMENTO PRÊMIO SINDITÊXTIL-SP INOVAÇÃO TECNOLÓGICA 1 / 7 1. APRESENTAÇÃO O Prêmio SINDITÊXTIL-SP Inovação Tecnológica foi criado em 2011 pelo Sindicato das Indústrias de Fiação e Tecelagem do Estado de São Paulo SINDITÊXTIL SP com objetivo de homenagear

Leia mais

PRÊMIO GRANDES CASES DE EMBALAGEM 2015, da Revista EmbalagemMarca 9ª Edição

PRÊMIO GRANDES CASES DE EMBALAGEM 2015, da Revista EmbalagemMarca 9ª Edição PRÊMIO GRANDES CASES DE EMBALAGEM 2015, da Revista EmbalagemMarca 9ª Edição Iniciativa: Revista EmbalagemMarca Realização: Ciclo de Conhecimento Organização de Eventos Apoio operacional: Centro Universitário

Leia mais

REGULAMENTO DO PRÊMIO MELHORES PRÁTICAS DE ESTÁGIO 11ª EDIÇÃO

REGULAMENTO DO PRÊMIO MELHORES PRÁTICAS DE ESTÁGIO 11ª EDIÇÃO REGULAMENTO DO PRÊMIO MELHORES PRÁTICAS DE ESTÁGIO 11ª EDIÇÃO 1. O Prêmio 1.1. O Prêmio Melhores Práticas de Estágio, iniciativa do Fórum de Estágio da Bahia, de periodicidade anual, é destinado a identificar

Leia mais

REGULAMENTO DO PRÊMIO 2014

REGULAMENTO DO PRÊMIO 2014 REGULAMENTO DO PRÊMIO 2014 1 ÍNDICE CRONOGRAMA ------------------------------------------------------------------------------- 3 CATEGORIAS -------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

REGULAMENTO 5º PRÊMIO APEX-BRASIL DE EXCELÊNCIA EM EXPORTAÇÃO O BRASIL QUE INSPIRA O MUNDO

REGULAMENTO 5º PRÊMIO APEX-BRASIL DE EXCELÊNCIA EM EXPORTAÇÃO O BRASIL QUE INSPIRA O MUNDO REGULAMENTO 5º PRÊMIO APEX-BRASIL DE EXCELÊNCIA EM EXPORTAÇÃO O BRASIL QUE INSPIRA O MUNDO 1 DO PRÊMIO 1.1 Fica estabelecido o 5º Prêmio Apex-Brasil de Excelência em Exportação O Brasil que inspira o mundo,

Leia mais

Novas Formas de Aprender e Empreender

Novas Formas de Aprender e Empreender Novas Formas de Aprender e Empreender DÚVIDAS FREQUENTES 1. Sobre o Prêmio Instituto Claro, Novas Formas de Aprender e Empreender 1.1. O que é o Prêmio? O Prêmio Instituto Claro Novas Formas de Aprender

Leia mais

B2. Os cases poderão ser de autoria individual ou em coautoria, porém será entregue apenas um troféu por case vencedor.

B2. Os cases poderão ser de autoria individual ou em coautoria, porém será entregue apenas um troféu por case vencedor. PRÊMIO SER HUMANO PAULO FREIRE 2014 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS / PROFISSIONAL A. OBJETIVO A1. O Prêmio Ser Humano Paulo Freire Modalidade Gestão de Pessoas / Profissional premia casos de caráter técnico

Leia mais

XX Ciência Viva. Tema: Luz, ciência e vida. 12 e 13 de Novembro de 2015

XX Ciência Viva. Tema: Luz, ciência e vida. 12 e 13 de Novembro de 2015 XX Ciência Viva Tema: Luz, ciência e vida 12 e 13 de Novembro de 2015 A CIÊNCIA VIVA A Ciência Viva é uma exposição anual aberta ao público, em que estudantes da educação básica das instituições de ensino

Leia mais

REGULAMENTO IV CONCURSO SOBRE A DENGUE NO AMAZONAS - 2011 TEMA Escola em Ação contra a Dengue

REGULAMENTO IV CONCURSO SOBRE A DENGUE NO AMAZONAS - 2011 TEMA Escola em Ação contra a Dengue REGULAMENTO IV CONCURSO SOBRE A DENGUE NO AMAZONAS - 2011 TEMA Escola em Ação contra a Dengue A Fundação de Vigilância em Saúde (FVS) conjuntamente com a Secretaria de Estado da Educação e Qualidade de

Leia mais

REGULAMENTO XIV PRÊMIOABT

REGULAMENTO XIV PRÊMIOABT REGULAMENTO XIV PRÊMIOABT O PRÊMIO Dirigido a empresas e profissionais que praticam a excelência em atendimento e relacionamento com o cliente, o PrêmioABT tem como objetivos identificar, reconhecer e

Leia mais

10º PRÊMIO IMPRENSA DE EDUCAÇÃO AO INVESTIDOR

10º PRÊMIO IMPRENSA DE EDUCAÇÃO AO INVESTIDOR 10º PRÊMIO IMPRENSA DE EDUCAÇÃO AO INVESTIDOR R E G U L A M E N T O 1. O PRÊMIO IMPRENSA DE EDUCAÇÃO AO INVESTIDOR 1.1. O PRÊMIO IMPRENSA DE EDUCAÇÃO AO INVESTIDOR é uma iniciativa do Comitê Consultivo

Leia mais

Cronograma -------------------------------------------------------------------------------------------- 2

Cronograma -------------------------------------------------------------------------------------------- 2 Índice Cronograma -------------------------------------------------------------------------------------------- 2 Prefácio --------------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

CONCURSO AGRINHO EDUCAÇÃO ESPECIAL

CONCURSO AGRINHO EDUCAÇÃO ESPECIAL CONCURSO AGRINHO EDUCAÇÃO ESPECIAL CONCURSO EDUCAÇÃO ESPECIAL CATEGORIA Desenho TEMA: As coisas que ligam o campo e a cidade e nosso papel para melhorar o mundo. O concurso é dirigido aos alunos com necessidades

Leia mais

REGULAMENTO PROGRAMA PARCEIROS EM AÇÃO

REGULAMENTO PROGRAMA PARCEIROS EM AÇÃO REGULAMENTO PROGRAMA PARCEIROS EM AÇÃO 1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1.1. As presentes disposições visam regulamentar o Programa Parceiros em Ação, instituído pela Área de Responsabilidade Social do BANCO

Leia mais

8º CONCURSO ESTADUAL DE PLANOS DE NEGÓCIO PARA UNIVERSITÁRIOS 2015 REALIZAÇÃO: SEBRAE/SC REGULAMENTO

8º CONCURSO ESTADUAL DE PLANOS DE NEGÓCIO PARA UNIVERSITÁRIOS 2015 REALIZAÇÃO: SEBRAE/SC REGULAMENTO 8º CONCURSO ESTADUAL DE PLANOS DE NEGÓCIO PARA UNIVERSITÁRIOS 2015 REALIZAÇÃO: SEBRAE/SC REGULAMENTO CAPÍTULO 1 DOS OBJETIVOS Art. 1º O Concurso Estadual de Planos de Negócio para Universitários é uma

Leia mais

MÉRITO LOJISTA 2014. 1.2. A ação ocorre na cidade de Bento Gonçalves, no período de 15 de fevereiro a 9 de abril de 2015.

MÉRITO LOJISTA 2014. 1.2. A ação ocorre na cidade de Bento Gonçalves, no período de 15 de fevereiro a 9 de abril de 2015. MÉRITO LOJISTA 2014 Considerações: Tradicional reconhecimento ao empreendedorismo no setor, o Prêmio Mérito Lojista é uma promoção da Câmara de Dirigentes Lojistas de Bento Gonçalves que visa a distinguir

Leia mais

Modalidade Franqueado

Modalidade Franqueado PRÊMIO o cumprimento ABF DESTAQUE de todos os critérios FRANCHISING deste Categoria regulamento, selecionando Sustentabilidade os melhores trabalhos. Modalidade Franqueado REGULAMENTO Objetivos O Prêmio

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 1.061, DE 10 DE NOVEMBRO DE 2009

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 1.061, DE 10 DE NOVEMBRO DE 2009 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 1.061, DE 10 DE NOVEMBRO DE 2009 Dispõe sobre a instituição do Prêmio Experiências Educacionais Inclusivas - A escola aprendendo com as diferenças,

Leia mais

REGULAMENTO FCP Nº 001/2016 - I FESTIVAL DE CINEMA ESTUDANTIL DE PALMAS - VOCÊ NA TELA

REGULAMENTO FCP Nº 001/2016 - I FESTIVAL DE CINEMA ESTUDANTIL DE PALMAS - VOCÊ NA TELA REGULAMENTO FCP Nº 001/2016 - I FESTIVAL DE CINEMA ESTUDANTIL DE PALMAS - VOCÊ NA TELA A Prefeitura de Palmas, por meio da Fundação Cultural de Palmas e da Secretaria Municipal da Educação, no uso de suas

Leia mais

CONCURSO: AS MELHORES PRÁTICAS DE ESTÁGIO NA PMSP.

CONCURSO: AS MELHORES PRÁTICAS DE ESTÁGIO NA PMSP. CONCURSO: AS MELHORES PRÁTICAS DE ESTÁGIO NA PMSP. A Prefeitura do Município de São Paulo - PMSP, por meio da Secretaria Municipal de Gestão - SMG, mantém o Sistema Municipal de Estágios, que é coordenado

Leia mais

VII Concurso de Fotografia OAB-PR - 2015 REGULAMENTO

VII Concurso de Fotografia OAB-PR - 2015 REGULAMENTO VII Concurso de Fotografia OAB-PR - 2015 REGULAMENTO 1. DESCRIÇÃO GERAL O VII Concurso de Fotografia OAB-PR edição 2015 ( CONCURSO ) é promovido pela Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional do Paraná

Leia mais

2º PRÊMIO REDE DIÁSPORA BRASIL O TALENTO BRASILEIRO QUE INSPIRA O MUNDO

2º PRÊMIO REDE DIÁSPORA BRASIL O TALENTO BRASILEIRO QUE INSPIRA O MUNDO Regulamento 2º PRÊMIO REDE DIÁSPORA BRASIL O TALENTO BRASILEIRO QUE INSPIRA O MUNDO 1. DOS OBJETIVOS DO PRÊMIO 1.1. A Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), com o apoio da Agência Brasileira

Leia mais

A Federação das Unimeds do Estado de São Paulo (Fesp), no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo Estatuto Social, resolve:

A Federação das Unimeds do Estado de São Paulo (Fesp), no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo Estatuto Social, resolve: 33º PRÊMIO CASOS DE SUCESSO - REGULAMENTO 1) CONSIDERAÇÕES GERAIS A Federação das Unimeds do Estado de São Paulo (Fesp), no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo Estatuto Social, resolve: 1.1

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS SECRETARIA DO MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL FUNDAÇÃO ESTADUAL DO MEIO AMBIENTE EDITAL DE CONCURSO

GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS SECRETARIA DO MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL FUNDAÇÃO ESTADUAL DO MEIO AMBIENTE EDITAL DE CONCURSO GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS SECRETARIA DO MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL FUNDAÇÃO ESTADUAL DO MEIO AMBIENTE EDITAL DE CONCURSO PRÊMIO MINEIRO DE BOAS PRÁTICAS EM GESTÃO DE RESÍDUOS SÓLIDOS

Leia mais

Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) Faculdade de Comunicação Social (Famecos) 23º SET Universitário

Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) Faculdade de Comunicação Social (Famecos) 23º SET Universitário Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) Faculdade de Comunicação Social (Famecos) 23º SET Universitário O SET Universitário é um evento que estimula a troca de experiências entre

Leia mais

CONCURSO DE PRODUÇÕES AUDIOVISUAIS TIRANDO A DROGA DE CENA 2016

CONCURSO DE PRODUÇÕES AUDIOVISUAIS TIRANDO A DROGA DE CENA 2016 REGULAMENTO CONCURSO DE PRODUÇÕES AUDIOVISUAIS TIRANDO A DROGA DE CENA 2016 A PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO torna público o regulamento do Concurso de Produções Audiovisuais Tirando a Droga de

Leia mais

Edital. Ações para o desenvolvimento integral na Primeira Infância

Edital. Ações para o desenvolvimento integral na Primeira Infância Edital Ações para o desenvolvimento integral na Primeira Infância 1. OBJETIVO 1.1. Este edital tem o objetivo de apoiar financeiramente projetos de extensão universitária voltados a ações para o desenvolvimento

Leia mais

A escola como construtora da identidade coletiva e multidimensional

A escola como construtora da identidade coletiva e multidimensional I CONCURSO DE REDAÇÃO DO PROJETO EducaNilópolis O projeto Educa Nilópolis, em desenvolvimento nas 22 escolas da rede municipal de ensino de Nilópolis, visa qualificar e dinamizar a rede municipal de ensino

Leia mais

FREDERICO DA COSTA AMANCIO Secretário de Educação

FREDERICO DA COSTA AMANCIO Secretário de Educação PORTARIA Nº 980 DE 04 DE MARÇO DE 2016. O SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO, no uso de suas atribuições, RESOLVE: Art. 1º Tornar pública a abertura de processo seletivo para o Concurso ÁGUA: JUNTOS VAMOS PRESERVAR

Leia mais

EDITAL Nº. 001/2012 4º PRÊMIO SES-MG DE JORNALISMO GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS

EDITAL Nº. 001/2012 4º PRÊMIO SES-MG DE JORNALISMO GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS EDITAL Nº. 001/2012 4º PRÊMIO SES-MG DE JORNALISMO GOVERNO DO ESTADO DE MINAS GERAIS ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL END: RODOVIA PREFEITO AMÉRICO GIANETTI, S/Nº - BAIRRO SERRA VERDE CEP: 31630-901 -

Leia mais

Jovem Aprendiz no Colégio Objetivo Ipiranga SP (23/03/2016) Regulamento

Jovem Aprendiz no Colégio Objetivo Ipiranga SP (23/03/2016) Regulamento Jovem Aprendiz no Colégio Objetivo Ipiranga SP (23/03/2016) Regulamento 1 - Descrição Da Competição 1.1. Um evento destinado aos alunos da 1ª série do Ensino Médio, visando à importância da visão empreendedora

Leia mais

SECRETARIA DE ESTADO DA GESTÃO PÚBLICA SUPERINTENDÊNCIA DA ESCOLA DE GOVERNO REGULAMENTO DO CONCURSO

SECRETARIA DE ESTADO DA GESTÃO PÚBLICA SUPERINTENDÊNCIA DA ESCOLA DE GOVERNO REGULAMENTO DO CONCURSO REGULAMENTO DO CONCURSO A Secretaria de Estado da Gestão Pública do Governo de Alagoas torna público o 4º CONCURSO DE AÇÕES INOVADORAS NA GESTÃO DO PODER EXECUTIVO DE ALAGOAS que será regido de acordo

Leia mais

1º PRÊMIO DE CRIATIVIDADE E DESIGN MINIATURAS DA FATEC DE CALÇADOS FEMININOS COORDENAÇÃO DOS PROFESSORES: NOV/2011 REV. 01

1º PRÊMIO DE CRIATIVIDADE E DESIGN MINIATURAS DA FATEC DE CALÇADOS FEMININOS COORDENAÇÃO DOS PROFESSORES: NOV/2011 REV. 01 1º PRÊMIO DE CRIATIVIDADE E DESIGN MINIATURAS DA FATEC DE CALÇADOS FEMININOS COORDENAÇÃO DOS PROFESSORES: PROF. FRANCIENNE HERNANDES PROF. ESP. FLÁVIO C. VENTURA PROF. ME MARCOS BONIFÁCIO NOV/2011 REV.

Leia mais

EDITAL DE CREDENCIAMENTO SELEÇÃO DE MÚSICAS

EDITAL DE CREDENCIAMENTO SELEÇÃO DE MÚSICAS EDITAL DE CREDENCIAMENTO SELEÇÃO DE MÚSICAS OBJETO: SELEÇÃO E CREDENCIAMENTO DE PROPOSTAS DE MÚSICAS PARA O PROJETO FEMUCIC ANO 36 MOSTRA DE MÚSICA CIDADE CANÇÃO- DO SESC MARINGÁ O SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO

Leia mais

Edital 001/2013 CONCURSO DE LOGOMARCA PARA O DIRETÓRIO CENTRAL DOS ESTUDANTES

Edital 001/2013 CONCURSO DE LOGOMARCA PARA O DIRETÓRIO CENTRAL DOS ESTUDANTES Edital 001/2013 CONCURSO DE LOGOMARCA PARA O DIRETÓRIO CENTRAL DOS ESTUDANTES CAPÍTULO I DO CONCURSO E SEU OBJETIVO Art. 1º O Diretório Central dos Estudantes torna público o presente edital de CONCURSO

Leia mais

Regulamento do GREEN PROJECT AWARDS Brasil

Regulamento do GREEN PROJECT AWARDS Brasil Regulamento do GREEN PROJECT AWARDS Brasil A GCI em parceria com o Instituto Nacional de Tecnologia (INT) institui um Prêmio de reconhecimento de boas práticas em projetos que promovam o desenvolvimento

Leia mais

PRÊMIO EXPERIÊNCIAS EDUCACIONAIS INCLUSIVAS A ESCOLA APRENDENDO COM AS DIFERENÇAS REGULAMENTO CAPÍTULO I - DO PRÊMIO

PRÊMIO EXPERIÊNCIAS EDUCACIONAIS INCLUSIVAS A ESCOLA APRENDENDO COM AS DIFERENÇAS REGULAMENTO CAPÍTULO I - DO PRÊMIO PRÊMIO EXPERIÊNCIAS EDUCACIONAIS INCLUSIVAS A ESCOLA APRENDENDO COM AS DIFERENÇAS REGULAMENTO CAPÍTULO I - DO PRÊMIO Art. 1º O Prêmio EXPERIÊNCIAS EDUCACIONAIS INCLUSIVAS A ESCOLA APRENDENDO COM AS DIFERENÇAS,

Leia mais

REGULAMENTO DO 6º CONCURSO ESCOLAR SOBRE A DENGUE NO AMAZONAS - 2013. TEMA: Dengue é fácil combater, só não pode esquecer

REGULAMENTO DO 6º CONCURSO ESCOLAR SOBRE A DENGUE NO AMAZONAS - 2013. TEMA: Dengue é fácil combater, só não pode esquecer 1 REGULAMENTO DO 6º CONCURSO ESCOLAR SOBRE A DENGUE NO AMAZONAS - 2013 TEMA: Dengue é fácil combater, só não pode esquecer A Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS) conjuntamente com a Secretaria

Leia mais

FEIRA CULTURAL 2013 TEMA: CIÊNCIA, SAÚDE E ESPORTE.

FEIRA CULTURAL 2013 TEMA: CIÊNCIA, SAÚDE E ESPORTE. COLÉGIO TIRADENTES DA PMMG PASSOS FEIRA CULTURAL 2013 TEMA: CIÊNCIA, SAÚDE E ESPORTE. I-JUSTIFICATIVA: Com a realização dos grandes eventos esportivos mundiais no Brasil como a - Copa das Confederações

Leia mais

REGULAMENTO 2015 PRÊMIO SER HUMANO ABRH PB MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS - ORGANIZAÇÃO

REGULAMENTO 2015 PRÊMIO SER HUMANO ABRH PB MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS - ORGANIZAÇÃO Página 1 A. OBJETIVO A.1. O Prêmio Ser Humano ABRH PB - Modalidade Gestão de Pessoas - Profissional, premia casos de caráter técnico ou organizacional, relacionados à projetos implantados pelo profissional,

Leia mais

Para diferenciar a participação das instituições educacionais, o prêmio é segmentado em dois tipos:

Para diferenciar a participação das instituições educacionais, o prêmio é segmentado em dois tipos: 1. OBJETIVOS O PNGE tem o objetivo de incentivar e valorizar práticas eficazes de gestão educacional no Brasil, destacando e reconhecendo o alto desempenho das instituições de ensino. Ele premia organizações

Leia mais

Manual JUIZ DE FORA - 2014

Manual JUIZ DE FORA - 2014 SELO DE RESPONSABILIDADE SOCIOEDUCATIVA PARA O TRÂNSITO 2014 2014 2014 SELO DE RESPONSABILIDADE SOCIOEDUCATIVA PARA O TRÂNSITO BRONZE SELO DE RESPONSABILIDADE SOCIOEDUCATIVA PARA O TRÂNSITO Manual JUIZ

Leia mais

REGULAMENTO PARA SUBMISSÃO DE ARTIGOS AO I ENCONTRO RONDONIENSE DE ADMINISTRADORES E TECNÓLOGOS

REGULAMENTO PARA SUBMISSÃO DE ARTIGOS AO I ENCONTRO RONDONIENSE DE ADMINISTRADORES E TECNÓLOGOS DATA: 14.10.2015 REGULAMENTO PARA SUBMISSÃO DE ARTIGOS AO I ENCONTRO RONDONIENSE DE ADMINISTRADORES E TECNÓLOGOS O I TECNÓLOGOS, promovido pelo CRA/RO- Conselho Regional de Administração de Rondônia e

Leia mais

A1. A partir de 2013, a modalidade Gestão de Pessoas/Empresas contará com as seguintes categorias:

A1. A partir de 2013, a modalidade Gestão de Pessoas/Empresas contará com as seguintes categorias: PRÊMIO SER HUMANO OSWALDO CHECCIA 2013 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS/EMPRESAS A. OBJETIVO A modalidade Gestão de Pessoas/Empresas premia os casos relacionados à gestão de pessoas desenvolvidos e implantados,

Leia mais

MANUAL DE INSCRIÇÕES. Ministério da Cultura, Fundação Abrinq, Novelis do Brasil, Reckitt Benckiser e Consigaz apresentam

MANUAL DE INSCRIÇÕES. Ministério da Cultura, Fundação Abrinq, Novelis do Brasil, Reckitt Benckiser e Consigaz apresentam Ministério da Cultura, Fundação Abrinq, Novelis do Brasil, Reckitt Benckiser e Consigaz apresentam Orquestra e Fundação Abrinq III MANUAL DE INSCRIÇÕES Patrocínio Realização A Fundação Abrinq Criada em

Leia mais

REGULAMENTO 2015 PRÊMIO SER HUMANO ABRH PB MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL RESPONSABILIDADE SOCIAL- TERCEIRO SETOR

REGULAMENTO 2015 PRÊMIO SER HUMANO ABRH PB MODALIDADE: DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL RESPONSABILIDADE SOCIAL- TERCEIRO SETOR Página 1 A. OBJETIVO A.1. O Prêmio Ser Humano ABRH-PB - Desenvolvimento Sustentável e Responsabilidade Social / Organização do Terceiro Setor tem o objetivo de reconhecer e premiar projetos desenvolvidos

Leia mais

PRÊMIO E.M.C. 25 ANOS: UM CAMINHO PARA A CONSTRUÇÃO DA CIDADANIA. TEMA : A TRAJETÓRIA DA E.M.C. NOS SEUS 25 ANOS DE EXISTÊNCIA

PRÊMIO E.M.C. 25 ANOS: UM CAMINHO PARA A CONSTRUÇÃO DA CIDADANIA. TEMA : A TRAJETÓRIA DA E.M.C. NOS SEUS 25 ANOS DE EXISTÊNCIA PRÊMIO E.M.C. 25 ANOS: UM CAMINHO PARA A CONSTRUÇÃO DA CIDADANIA. TEMA : A TRAJETÓRIA DA E.M.C. NOS SEUS 25 ANOS DE EXISTÊNCIA 1º. CONCURSO LITERÁRIO: CARTAS E POEMAS. REGULAMENTO CAPÍTULO I O PRÊMIO Art.

Leia mais

B2. Os casos poderão ser de autoria individual ou em co-autoria, porém será entregue apenas um troféu por caso vencedor.

B2. Os casos poderão ser de autoria individual ou em co-autoria, porém será entregue apenas um troféu por caso vencedor. PRÊMIO SER HUMANO OSWALDO CHECCIA 2013 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS/PROFISSIONAL A. OBJETIVO A modalidade Gestão de Pessoas/Profissionais premia casos de caráter técnico ou organizacional, relacionados

Leia mais

R E G U L AM E N T O E d i t a l d o Concurso Cultural O que transforma o amanhã? E d i ç ã o 2 014

R E G U L AM E N T O E d i t a l d o Concurso Cultural O que transforma o amanhã? E d i ç ã o 2 014 R E G U L AM E N T O E d i t a l d o Concurso Cultural O que transforma o amanhã? E d i ç ã o 2 014 O Grupo Educacional Opet, por meio de mídias eletrônicas divulga o Regulamento do Concurso Cultural O

Leia mais

PRÊMIO DE PRÁTICAS EXITOSAS DO SISTEMA ÚNICO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL SUAS COEGEMAS/CE

PRÊMIO DE PRÁTICAS EXITOSAS DO SISTEMA ÚNICO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL SUAS COEGEMAS/CE EDITAL COEGEMAS/CE Nº 01/ 2016 PRÊMIO DE PRÁTICAS EXITOSAS DO SISTEMA ÚNICO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL SUAS COEGEMAS/CE A Diretoria Executiva do Colegiado Estadual de Gestores Municipais de Assistência Social

Leia mais

CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA

CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA . Cria e regula a Gincana Nacional de Economia. O CONSELHO FEDERAL DE ECONOMIA, no uso de suas atribuições legais e regulamentares conferidas pela Lei 1.411, de 13 de agosto de 1951, Decreto 31.794, de

Leia mais

PRÊMIO DE JORNALISMO LUÍS CRUZ DE VASCONCELOS

PRÊMIO DE JORNALISMO LUÍS CRUZ DE VASCONCELOS PRÊMIO DE JORNALISMO LUÍS CRUZ DE VASCONCELOS A Ordem dos Advogados do Brasil, Seção Ceará (OAB-CE), lança o Prêmio de Jornalismo Luís Cruz de Vasconcelos, que tem o objetivo de estimular a publicação

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO CULTURAL O QUE HÁ DE FRANCÊS EM SÃO PAULO?

REGULAMENTO DO CONCURSO CULTURAL O QUE HÁ DE FRANCÊS EM SÃO PAULO? REGULAMENTO DO CONCURSO CULTURAL O QUE HÁ DE FRANCÊS EM SÃO PAULO? 1. CONDIÇÕES GERAIS 1.1 O que há de francês em São Paulo? é um concurso de caráter cultural, sem qualquer modalidade de sorteio ou pagamento,

Leia mais

EDITAL Concurso de Criação da Logomarca para Campanha de Autoexame Masculino Nº 01/12

EDITAL Concurso de Criação da Logomarca para Campanha de Autoexame Masculino Nº 01/12 EDITAL Concurso de Criação da Logomarca para Campanha de Autoexame Masculino Nº 01/12 O Reitor da Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC, objetivando a CHAMADA ao Concurso de Criação da Logomarca

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO DE ESCOLHA DAS SOBERANAS DA 7ª FEICÁ DE BOA VISTA DO BURICÁ CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

REGULAMENTO DO CONCURSO DE ESCOLHA DAS SOBERANAS DA 7ª FEICÁ DE BOA VISTA DO BURICÁ CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS REGULAMENTO DO CONCURSO DE ESCOLHA DAS SOBERANAS DA 7ª FEICÁ DE BOA VISTA DO BURICÁ CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1 - O presente regulamento dispõe sobre a realização e funcionamento do Concurso

Leia mais

Introdução: 1. Objetivo: 2. Período de inscrição. 3. Cronograma

Introdução: 1. Objetivo: 2. Período de inscrição. 3. Cronograma Introdução: Este concurso nacional, promovido pela ABRACOPEL Associação Brasileira de Conscientização para os Perigos da Eletricidade, entidade sem fins econômicos, visa estimular as crianças e os jovens

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS Secretaria da Saúde Avenida NS 02, AASE 50 (502 Sul), Paço Municipal, Centro CEP 77.021-658 Telefone: (63) 3218-5559

PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS Secretaria da Saúde Avenida NS 02, AASE 50 (502 Sul), Paço Municipal, Centro CEP 77.021-658 Telefone: (63) 3218-5559 EDITAL Nº. 01, DE 18 DE NOVEMBRO DE 2014 II CONCURSO VIDA NO TRÂNSITO DE JORNALISMO 1. PREÂMBULO 1.1 A de Palmas (SEMUS), órgão gestor do Sistema Único de Saúde (SUS) em Palmas Tocantins, por intermédio

Leia mais

DESAFIO SOFTWARE INOVADOR SISTEMAS DE INFORMAÇÃO UNIFEB 2012. O Desafio Software Inovador do Curso de Sistemas de Informação - UNIFEB:

DESAFIO SOFTWARE INOVADOR SISTEMAS DE INFORMAÇÃO UNIFEB 2012. O Desafio Software Inovador do Curso de Sistemas de Informação - UNIFEB: DESAFIO SOFTWARE INOVADOR SISTEMAS DE INFORMAÇÃO UNIFEB 2012 REGULAMENTO 1. Apresentação O Desafio Software Inovador do Curso de Sistemas de Informação - UNIFEB: É uma atividade científica promovida pelo

Leia mais

1º CONCURSO DE FOTOGRAFIAS DO SEMINÁRIO DE EXTENSÃO DA UNIOESTE REGULAMENTO

1º CONCURSO DE FOTOGRAFIAS DO SEMINÁRIO DE EXTENSÃO DA UNIOESTE REGULAMENTO 1º CONCURSO DE FOTOGRAFIAS DO SEMINÁRIO DE EXTENSÃO DA REGULAMENTO Do Concurso: O 1º Concurso de Fotografias do Seminário de Extensão da Unioeste - SEU, tem o objetivo de integrar os extensionistas, estimular

Leia mais

ANEXO REGULAMENTO INTERNO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DE FISIOTERAPIA DA FACULDADE DE APUCARANA - FAP

ANEXO REGULAMENTO INTERNO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DE FISIOTERAPIA DA FACULDADE DE APUCARANA - FAP ANEXO REGULAMENTO INTERNO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DE FISIOTERAPIA DA FACULDADE DE APUCARANA - FAP RESOLUÇÃO Nº 03, DE 27 DE JULHO DE 2004. Baixa o Regulamento do Trabalho de Conclusão do Curso

Leia mais

REGULAMENTO 1. APRESENTAÇÃO

REGULAMENTO 1. APRESENTAÇÃO REGULAMENTO 1. APRESENTAÇÃO O Prêmio Prudential Espírito Comunitário é uma iniciativa da Prudential do Brasil Seguros de Vida. O prêmio é a versão brasileira do Prudential Spirit of Community Awards, criado

Leia mais

REGULAMENTO - 4º FESTIVAL DE CULTURA E ARTE DO GRANDE ABC

REGULAMENTO - 4º FESTIVAL DE CULTURA E ARTE DO GRANDE ABC REGULAMENTO - 4º FESTIVAL DE CULTURA E ARTE DO GRANDE ABC O 4º FESTIVAL DE CULTURA E ARTE DO GRANDE ABC têm como foco promover o intercâmbio cultural das mais variadas modalidades e linguagens artísticas

Leia mais

Regulamento da Campanha on-line Desafio De onde vêm as coisas?

Regulamento da Campanha on-line Desafio De onde vêm as coisas? Regulamento da Campanha on-line Desafio De onde vêm as coisas? 1. Geral 1.1. A Campanha on-line Desafio De onde vêm as coisas? do Edukatu é uma iniciativa do Instituto Akatu, associação sem fins lucrativos,

Leia mais

REGULAMENTO PRÊMIO TROTE DA CIDADANIA 2009

REGULAMENTO PRÊMIO TROTE DA CIDADANIA 2009 REGULAMENTO PRÊMIO TROTE DA CIDADANIA 2009 O QUE É? QUEM ORGANIZA? 1. O Prêmio Trote da Cidadania 2009 tem o objetivo de destacar e reconhecer os melhores projetos de trote cidadão em instituições de ensino

Leia mais

7 o Prêmio Jovem Jornalista

7 o Prêmio Jovem Jornalista 7 o Prêmio Jovem Jornalista Fernando Pacheco Jordão Regulamento 2015 1. Sobre o Prêmio 1.1 O Prêmio Jovem Jornalista Fernando Pacheco Jordão tem por objetivo incentivar jovens estudantes de Jornalismo

Leia mais

PROCESSO SELETIVO N 02-2010 PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOAL

PROCESSO SELETIVO N 02-2010 PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOAL PROCESSO SELETIVO N 02-2010 PARA CONTRATAÇÃO DE PESSOAL A unidade nacional do Sescoop Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo, personalidade jurídica de direito privado, sem fins lucrativos,

Leia mais

UNIVERSIDADE POSITIVO COMISSÃO DE PROCESSO SELETIVO CPS MESTRADO ACADÊMICO EM ADMINISTRAÇÃO 2011 EDITAL N o 31 de 08/10/2010

UNIVERSIDADE POSITIVO COMISSÃO DE PROCESSO SELETIVO CPS MESTRADO ACADÊMICO EM ADMINISTRAÇÃO 2011 EDITAL N o 31 de 08/10/2010 UNIVERSIDADE POSITIVO COMISSÃO DE PROCESSO SELETIVO CPS MESTRADO ACADÊMICO EM ADMINISTRAÇÃO 2011 EDITAL N o 31 de 08/10/2010 A UNIVERSIDADE POSITIVO, por sua COMISSÃO DE PROCESSO SELETIVO para o Programa

Leia mais