NORMALIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS DA UNIC

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "NORMALIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS DA UNIC"

Transcrição

1 NORMALIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS DA UNIC Organizado por Dinalva Gomes de Paiva Bibliotecária Grupo Educacional UNIC SISTEMA INTEGRADO DE BIBLIOTECAS UNIC - SIBUC BIBLIOTECA CENTRAL

2 Cuiabá Atualização 2007 NORMALIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS DA UNIC Organizado por Dinalva Gomes de Paiva Bibliotecária Grupo Educacional UNIC SISTEMA INTEGRADO DE BIBLIOTECAS UNIC - SIBUC BIBLIOTECA CENTRAL

3 NORMALIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS DA UNIC Organizado por Dinalva Gomes de Paiva Bibliotecária Grupo Educacional UNIC 1ª Edição: 2003 Atualização: 2007 UNIVERSIDADE DE CUIABÁ Dr. ALTAMIRO BELO GALINDO Reitor Prof. RUI FAVA Pró-Reitor Acadêmica SISTEMA INTEGRADO DE BIBLIOTECAS UNIC SIBUC DINALVA GOMES DE PAIVA Coordenação geral Bibliotecária Endereço para correspondência: Universidade de Cuiabá Sistema Integrado de Bibliotecas UNIC Av. Beira Rio, 3100 Jardim Europa CEP Cuiabá MT Fone/Fax: (65) /1176 Homepage:

4 APRESENTAÇÃO A Pró-Reitoria Acadêmica da UNIC, através do Sistema Integrado de Bibliotecas da UNIC, fixa a Norma Interna denominada Norma para apresentação de Trabalhos Acadêmicos da UNIC (NAT-UNIC), com as orientações que devem ser seguidas na apresentação e normalização dos Trabalhos Acadêmicos produzidos na Instituição. A NAT-UNIC, como a seguir se apresenta, é baseada nas Normas da ABNT para documentação e nas normas biblioteconômicas que regulamentam as entradas de dados na descrição bibliográfica de documentos, especialmente as do Código de Catalogação Anglo-Americano (AACR2). O objetivo principal deste documento é criar regras norteadoras para que a elaboração dos trabalhos acadêmicos gerados na UNIC atenda à normalização técnica e padronização necessárias para caracterizá-los como documentos científicos resultantes do programa de iniciação científica e de pesquisa, da Instituição. Da mesma forma procura-se estabelecer as formalidades exigidas na produção dos trabalhos de pesquisa e de iniciação científica, condizentes com as exigidas para seus reconhecimentos em níveis nacional e internacional. Esta Norma estabelece princípios gerais norteadores para a elaboração de trabalhos acadêmicos da UNIC, visando sua apresentação à Instituição, seja através de defesa a Banca ou Comissão Examinadora de professores, Especialistas designados e/ou outros, ou para efeito de avaliação por professor de disciplina. Dinalva Gomes de Paiva Coord.Geral SIBUC

5 4 SUMÁRIO PARTE 1 - ESTRUTURA E FORMATO DE TRABALHOS ACADÊMICOS ESTRUTURA DE TRABALHO TIPO MONOGRÁFICO ELEMENTOS PRÉ-TEXTUAIS DE TCC-UNIC TIPO MONOGRAFIA Capa de Monografia Lombada Folha de rosto anverso Verso da Folha de Rosto Errata Folha de Aprovação Dedicatória Agradecimentos Epígrafe Resumo e Abstract Listas de ilustrações, tabelas, abreviaturas, siglas e símbolos Sumário...28 PARTE 2 - REDAÇÃO DO TEXTO DO TRABALHO ELEMENTOS TEXTUAIS INTRODUÇÃO DESENVOLVIMENTO CONCLUSÃO...33 PARTE 3 - ELEMENTOS PÓS-TEXTUAIS REFERÊNCIAS Lista de Referências para os TCC-UNIC Regras gerais para elaboração de referências GLOSSÁRIO APÊNDICE ANEXO ADENDO E ENCARTE...44 PARTE 4 - FORMATAÇÃO DO TEXTO DO TRABALHO FORMATO UNIC REGRAS GERAIS PARA APRESENTAÇÃO FORMATO NÚMERO DE CÓPIAS TAMANHO DO TRABALHO MARGENS PARTES DO TRABALHO: SEÇÕES E SUBSEÇÕES PADRONIZAÇÃO NO TRABALHO ILUSTRAÇÕES, TABELAS, QUADROS E GRÁFICOS ABREVIATURAS E SIGLAS...54 PARTE 5 - ELEMENTOS COMPLEMENTARES E DE APOIO AO TRABALHO NOTAS E CITAÇÕES NOTAS EXPLICATIVAS E NOTAS BIBLIOGRÁFICAS CITAÇÕES E USO DE EXPRESSÕES LATINAS Citações Citações no texto Apresentação da Citação Expressões Latinas e termos em Língua Estrangeira...61 REFERÊNCIAS...63

6 5 PARTE 1 - ESTRUTURA E FORMATO DE TRABALHOS ACADÊMICOS

7 6 1 ESTRUTURA DE TRABALHO TIPO MONOGRÁFICO Serão apresentadas a seguir, somente as regras referentes à estrutura de trabalhos acadêmicos tipo monográfico, considerados como TCC e semelhantes pela Norma ABNT (NBR 12225, 2006). Outros tipos de TCC desenvolvidos na UNIC tais como Projeto experimental, Relatório de estágio, Artigos de periódicos serão tratados individualmente ainda nesta Parte I sobre a estrutura e formato de trabalhos acadêmicos. A estrutura do Trabalho Acadêmico Tipo Monográfico compreende: Elementos pré-textuais obrigatórios, que são: capa, folha de rosto, folha de aprovação, resumo na língua vernácula, Resumo em língua estrangeira e Sumário; Elementos pré-textuais opcionais, que são: lombada, errata, dedicatória, agradecimento, epígrafe, Listas de ilustrações, tabelas, abreviaturas, siglas e símbolos. Elementos Textuais: Introdução, Desenvolvimento e Conclusão; Elementos Pós-textuais obrigatórios: Referências; Elementos pós textuais opcionais: Glossário, Apêndice, Anexos e Índice. Esta ordem estrutural deve ser seguida na elaboração do trabalho, conforme a NBR 14724:2005. Ordem estrutural ELEMENTOS PRÉ-TEXTUAIS Partes iniciais do trabalho Capa (obrigatório) Lombada (opcional) Folha de Rosto (obrigatório) Verso da Folha de Rosto (opcional) Errata (opcional) Folha de aprovação (obrigatório) Dedicatória(s) (opcional) Agradecimento(s) (opcional) Epígrafe (opcional) Resumo na língua vernácula (obrigatório) Resumo em língua estrangeira (obrigatório) Lista de ilustrações (opcional) Lista de tabelas (opcional) Lista de abreviaturas e siglas (opcional) Lista de símbolos (opcional) Sumário (obrigatório) ELEMENTOS TEXTUAIS Formato de apresentação e Redação do texto do trabalho Introdução Desenvolvimento Conclusão ELEMENTOS PÓS-TEXTUAIS Complementares e de Apoio Referências (obrigatório) Glossário (opcional) Apêndice(s) (opcional) Anexos (opcional) Índices (opcional)

8 7 1.1 ELEMENTOS PRÉ-TEXTUAIS DE TCC-UNIC TIPO MONOGRAFIA Os elementos pré-textuais obrigatórios de uma Monografia são: capa, folha de rosto, folha de aprovação, resumo na língua vernácula, Resumo em língua estrangeira e Sumário. Os elementos pré-textuais opcionais são: lombada, errata, dedicatória, agradecimento, epígrafe, Listas de ilustrações, tabelas, abreviaturas, siglas e símbolos Capa de Monografia A Capa é a proteção externa que deve conter as informações indispensáveis à identificação do Trabalho na ordem seguinte: Nome da Instituição (opcional), Nome do autor, título, subtítulo (se houver), local (cidade) da instituição onde deve ser apresentado e ano de entrega do trabalho (NBR 14724:2005, ABNT). Para padronização as Monografias a serem apresentadas na UNIC devem seguir ao seguinte modelo de Capa. Modelo UNIC: Capa de Monografia UNIVERSIDADE DE CUIABÁ FACULDADE DE DIREITO Logomarca da Unic Instituição/Faculdade Tamanho da Fonte: 12/ MAIÚSCULO/Negrito/C entralizado. A PROTEÇÃO DAS EXPRESSÕES INTELECTUAIS NA NOVA LEI DE DIREITOS AUTORAIS: Propriedade intelectual e as leis autorais ISABELA GOMES DE PAIVA TÍTULO Tamanho da fonte: 12/ MAIÚSCULAS /Negrito, centralizado. Subtítulo Fonte tamanho:12, minúsculo, sem negrito, centralizado, abaixo do título, antecedido por dois pontos. AUTORIA: Fonte: tamanho 12/Negrito/MAIÚSCULA IMPRENTA (Local e data) - Tamanho da fonte: 10, minúsculo, sem negrito. Cuiabá 2000/1

9 As capas externa e interna da cópia do TCC em CD-ROM a ser entregue à Biblioteca Central da UNIC devem ser devidamente identificadas conforme modelos apresentados abaixo. 8 Modelo UNIC: Capa Interna do CDROM, para Monografia: Logotipo da UNIC UNIVERSIDADE DE CUIABÁ FACULDADE DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS Trabalho de Conclusão de Curso Bacharelado e Licenciatura Plena em Ciências Biológicas 2007/2 Nome da Faculdade. Fonte 8, negrito, iniciais em maiúsculo, centralizado. Ano/semestre de apresentação, fonte 8, negrito, centralizado TÍTULO AUTOR Título: Fonte 8, maiúsculo, negrito, centralizado Autor: Fonte 8, iniciais em maiúsculo, negrito, centralizado.

10 9 Modelo UNIC: Capa Externa de CD-ROM, para Monografia: UNIVERSIDADE DE CUIABÁ FACULDADE DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS Logomarca da Unic Nome da Universidade Nome da Faculdade TÍTULO AUTOR Título do trabalho Autor do trabalho Trabalho de Conclusão de Curso apresentado à Faculdade de Ciências Biológicas da Universidade de Cuiabá UNIC, para obtenção do grau de Bacharelado e Licenciatura Plena em Ciências Biológicas. Orientador (a): Prof. ( ª ) Drª. Marília Corrêa Galvão Natureza e objetivo do trabalho, nome da instituição a que é submetido, área de concentração. Orientador Cuiabá MT 2007/2 Local Ano/Semestre final

11 Os TCC-UNIC com nota igual ou superior a nove (9) serão inseridas em texto integral, no Repositório UNIC, formando a Biblioteca Virtual de TCC-UNIC. Para tanto deverão ser encaminhadas com Autorização expressa do autor, conforme Modelo UNIC abaixo apresentado ou conforme modelo do verso da folha de rosto. Modelo UNIC: Termo de Autorização para Publicação Eletrônica do TCC 10 UNIVERSIDADE DE CUIABÁ UNIC BIBLIOTECA CENTRAL TERMO DE AUTORIZAÇÃO PARA PUBLICAÇÃO ELETRÔNICA de TCC NOS REPOSITÓRIOS INSTITUCIONAIS UNIC Eu, formando (a) do Curso de, autor(a) do trabalho final de curso com o Título..., apresentado à Faculdade... da Universidade de Cuiabá (UNIC), no ano de.../..., autorizo a reprodução, publicação e divulgação do referido TCC no Repositório Institucional da UNIC impressos ou com acesso on-line pela Internet, entendendo-se os termos reproduzir e publicar conforme definições do Inciso VI e I respectivamente, do artigo 5º da Lei 9.610/98 de 10/02/1998, a obra acima citada, sem que me seja devido pagamento de Direito Autorais, desde que a publicação tenha a finalidade exclusiva de uso acima mencionados, sem fins comerciais, e com objetivo de divulgação da produção acadêmica gerada pela Instituição. Cuiabá, de de Assinatura: RG: CPF: e/ou Endereço residencial:.

12 As Faculdades da UNIC e a UNIPÓS deverão encaminhar os lotes de TCC à Biblioteca Central, em listagem alfabética e numerada dos trabalhos, seguindo o Modelo UNIC para encaminhamentos, conforme abaixo apresentado. 11 Modelo UNIC Formulário para envio de TCC à Biblioteca Central UNIVERSIDADE DE CUIABÁ UNIC SISTEMA INTEGRADO DE BIBLIOTECAS UNIC (SIBUC) BIBLIOTECA CENTRAL FORMULÁRIO DE ENVIO DE TCC À BIBLIOTECA CENTRAL Faculdade de... Curso:... Ano/Semestre: 2007/1 Quantidade de TCC s enviados: ( ) de Graduação ( ) de Pós Graduação ( ) Dissertação ( ) Tese. Total em CD:... (apresentadas de 2005 em diante). Impressas:...(apresentadas antes de 2005). Data de Envio à Biblioteca:.../.../ Coordenador do Curso:... LISTAGEM ALFABÉTICA NUMERADA de TCC-UNIC Ordem AUTOR TÍTULO ANO/SEM. 1 ANTUNES,Alessandra B. Adoção no Brasil BENTOLILA, Carlos S. União estável COSTA, Roberto A. Factoring no Brasil MIRANDA, Edmilson José Crimes hediondos no Brasil Nome do Responsável pelo envio dos TCC à Biblioteca: Telefone/Ramal: Assinatura por extenso: LISTAGEM CONFERIDA pela BIBLIOTECA: Data de recebimento:.../.../... Assinatura por extenso - Educador DPTEC/BC:... Observações da DPTEC/BC:

13 Lombada LOMBADA é parte da capa que reúne as margens internas ou dobras das folhas, sejam elas costuradas, grampeadas, coladas ou mantidas juntas de outra maneira, também chamada de DORSO. É opcional para cópias impressas conforme ABNT (NBR 12225, 2004). Nas cópias encadernadas a lombada deve conter os seguintes elementos: nome do autor e/ou dos autores, quando houver mais de um; título; elementos alfanuméricos de identificação de volume, fascículo e data, se houver; logomarca da editora, ou da Instituição (opcional). O Título pode ser impresso na lombada das seguintes formas: Título de lombada horizontal: pode ser impresso no sentido horizontal, considerando-se o documento em posição vertical; Título de lombada descendente: impresso longitudinalmente e legível do alto ao pé da lombada, possibilitando a leitura quando o documento está com a face dianteira voltada para cima, no sentido horizontal. Relatório de estágio Título de margem de capa: impresso longitudinalmente e legível do alto para o pé, ao lado da lombada; pode ser usado quando as lombadas não comportarem os itens a serem impressos de outra forma. Reservar espaço de 3 cm na borda inferior da lombada, sem comprometer as informações contidas, para colocação de etiqueta com as informações usadas em Bibliotecas para ordenação nas estantes e localização do documento. Seguindo as regras da NBR (2004) os dados na lombada para os TCC-UNIC devem ser grafados da seguinte forma: UNIC 2000/1 Identificação da Instituição: ao alto, centralizado, a sigla da UNIC, o ano, barra e semestre de entrega do trabalho. Pode-se substituir o nome UNIC pelo logotipo da Relatório de Estágio Supervisionado em Psicologia Luciana Furtado Pereira RT P436r instituição Localização do Título na lombada; posição do texto na lombada: de cima para baixo (ordem descendente, impressão longitudinal NBR 12225:2004). Autor: abaixo do titulo. Espaço reservado para etiqueta da Biblioteca. Impressão horizontal

14 Folha de rosto anverso Em trabalhos monográficos, Dissertações e Teses os mesmos elementos da capa e mais a nota sobre a natureza e objetivo do trabalho devem ser impressos no anverso da folha de rosto. Os dados devem figurar na Folha de Rosto seguindo as seguintes regras: nome(s) do(s) autor(es) pessoal(ais) na ordem normal do nome (prenome e sobrenomes); título acadêmico/administrativos do autor, abaixo do seu nome (opcional); título do trabalho, e subtítulo se houver, tipograficamente destacado dos demais elementos. O subtítulo, se houver, deve ser grafado no mesmo tamanho de fonte do título, em minúsculas e só deve ser colocado se esclarecer ou complementar o título. Evitar subtítulos que não dizem nada; nota sobre a natureza e objetivo do trabalho; colocada a 3 espaços abaixo do titulo e subtítulo (se houver), ordenado junto à margem direita da folha; imprenta é o conjunto de dados tipográficos composto de local de publicação, nome da editora e ano de publicação, colocados um abaixo do outro nas últimas linhas da folha, junto à margem inferior e centralizados. Em trabalhos monográficos acadêmicos somente os dados de local e data devem ser colocados. Logotipo do órgão autor/editor; Modelo UNIC: Anverso da Folha de rosto de Monografia ISABELA GOMES DE PAIVA AUTOR a 2 espaços de tabulação abaixo da margem superior do papel, em negrito, centralizado. Fonte 12. A PROTEÇÃO DAS EXPRESSÕES INTELECTUAIS NA NOVA LEI DE DIREITOS AUTORAIS: propriedade intelectual e as leis autorais Monografia apresentada à Faculdade de Direito da Universidade de Cuiabá, para obtenção do título de Bacharel em Direito. Orientador(a): Profª. Nome do Orientador TÍTULO Fonte 12, maiúsculas, negrito, centralizado, a 12 cm da borda superior do papel e SUBTÍTULO abaixo do título, antecedido por dois pontos, todo em minúsculas, mesmo tamanho de fonte do título. Nota sobre a natureza e objetivo do trabalho. Ordenada à direita da página, espaço simples, fonte 10, a 3 cm abaixo do título e subtítulo. Cuiabá 2000/1 IMPRENTA Local e data. Fonte 10, minúsculas, sem negrito. Logotipo da UNIC entre local e data.

15 14 Para os Trabalhos de Conclusão de Cursos de Graduação, Especialização ou de Aperfeiçoamento, do Tipo Monografia, para Dissertações de Mestrado e Teses de Doutorado, a Folha de rosto deverá ser mantida neste padrão, se apresentadas em Cursos da UNIC. Muda apenas a Nota sobre a natureza e objetivo, conforme o Curso. Trabalhos apresentados em outras Instituições devem seguir as normas da Instituição onde será apresentado e/ou defendido, se assim exigido e se existentes. Exemplos de Notas sobre a natureza e objetivo de trabalhos acadêmicos: Para Monografias de curso de Graduação: Monografia apresentada à Faculdade de Direito da Universidade de Cuiabá, para obtenção do título de Bacharel em Direito. Orientador(a): Profª. Nome do Orientador Para Cursos de Especialização: Para Dissertação de Mestrado: Para Teses de Doutorado: Monografia de Especialização apresentada à União para o Desenvolvimento da Pós-Graduação - UNIPÓS da Universidade de Cuiabá, para obtenção do título de Especialista em Direito Autoral. Orientador(a): Profª MSc. Nome do Orientador Dissertação apresentada a União para o Desenvolvimento da Pós-Graduação da Universidade de Cuiabá, como parte dos requisitos para obtenção do título de Mestre em Direito Autoral. Orientador(a): Profª Dr. Nome do Orientador. Tese apresentada na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, como parte dos requisitos para obtenção do título de Doutor em Direito Autoral. Orientador(a): Prof. Dr. Nome do Orientador. Para Relatórios de Estágios Supervisionados: Relatório final de Estágio Supervisionado I e II, para obtenção do grau de Licenciatura em Ciências, com ênfase em Matemática, da Faculdade de Educação da Universidade de Cuiabá. Orientador(a): Prof. Euguidson Jorge Camargo. Para Projetos de final de Cursos de Graduação ou de Especialização, parte escrita dos Projetos experimentais e Projetos de Pesquisa: Projeto final do Curso de Arquitetura, para obtenção do grau de Bacharel em Arquitetura e Urbanismo, da Faculdade de Arquitetura da Universidade de Cuiabá. Orientador(a): Prof. Euguidson Jorge Camargo. Projeto de Pesquisa apresentado ao Curso de Biologia, para obtenção do grau de Licenciado em Ciências Biológicas, da Faculdade de Educação da Universidade de Cuiabá. Orientador(a): Prof. Euguidson Jorge Camargo.

16 15 Modelo UNIC: Anverso da Folha de Rosto para Relatório de Estágio Supervisionado UNIVERSIDADE DE CUIABÁ UNIC FACULDADE DE EDUCAÇÃO Habilitação em Educação Artística TÍTULO RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM EDUCAÇÃO ARTÍSTICA EQUIPE: AUTOR(ES) Trabalho de Conclusão do Curso de Pedagogia, para obtenção do grau de Licenciatura em Educação, pela Faculdade de Educação da Universidade de Cuiabá - UNIC, apresentado, sob a orientação da Profª. Maria Laura Faria. Nota sobre a natureza e objetivo do trabalho. Espaço simples. Tamanho de fonte menor. Cuiabá IMPRENTA (Local e data) Logotipo da UNIC 2004/1

17 Verso da Folha de Rosto No verso da folha de rosto dos Trabalhos de Pós-graduação produzidos na UNIC devem constar: 1- CRÉDITOS INSTITUCIONAIS Os créditos Institucionais referem-se à citação dos cargos e nomes, da Instituição que promove o Curso: Reitor, Pró-Reitor Acadêmico, Coordenadores dos Cursos; de Núcleos de Pesquisa ou de Departamentos Acadêmicos que o promove. Para Trabalhos produzidos na UNIC, devem aparecer como créditos institucionais os apresentados no Modelo abaixo. 2- CATALOGAÇÃO NA FONTE (Dados CIP - Cataloguing in publication) AACR2 Ficha catalográfica produzida pelas normas de Catalogação Anglo-Americana (AACR2) ou de Catalogação na Publicação de Monografias (NBR 12899/1993). A Catalogação na fonte deve ser realizada por profissional bibliotecário. A NBR (1993, ABNT) recomenda a indicação da legenda identificadora Dados CIP (Catalogação na fonte Cataloguing in publication) 1, seguida do nome da instituição ou pessoa que a elaborou, o nome da cidade e sigla do estado. Ex: Dados CIP, Bibliomática, Cuiabá-MT, Para Trabalhos produzidos na UNIC, deve aparecer a Ficha Catalográfica (Catalogação na Fonte) como apresentados no Modelo abaixo, confeccionada por Profissional Bibliotecário. Sobrenome do autor, Nome do autor. Título: Subtítulo (se houver) / Nome completo do autor. -- Local, ano de publicação. 85f. Monografia (Especialização em Nome do curso) Universidade de Cuiabá, União para o Desenvolvimento da Pós-Graduação Unipós, ano de publicação. Orientador: Prof. Dr. Nome do Orientador. 1. Assunto. 2. Assunto. 3. Assunto. I. Título. 1 CIP - Catalogação na publicação (Cataloguing in publication) - Registro dos elementos bibliográficos de um documento, com intuito de identificá-lo e distingui-lo de outros. Deve ser impresso preferencialmente na folha de créditos da obra.

18 17 Modelo UNIC : Verso da Folha de Rosto Obs.: Ficha Catalográfica obrigatória para TCC de Especialização, Dissertação e Tese UNIVERSIDADE DE CUIABÁ Reitor Dr. ALTAMIRO BELO GALINDO CRÉDITOS INSTITUCIONAIS UNIC Pró-Reitoria Acadêmica Prof. RUI FAVA União para o Desenvolvimento da Pós-graduação UNIPÓS Prof. M.Sc. WILLIANS XAVIER DE OLIVEIRA PARA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO DA UNIPÓS Sobrenome do autor, Nome do autor. Título: Subtítulo (se houver) / Nome completo do autor. -- Local, ano de publicação. 85f. FICHA CATALOGRÁFICA Monografia (Especialização em Nome do curso) Universidade de Cuiabá, União para o Desenvolvimento da Pós-Graduação Unipós, ano de publicação. Orientador: Prof. Dr. Nome do Orientador. 1. Assunto. 2. Assunto. 3. Assunto. I. Título. TERMO DE AUTORIZAÇÃO PARA PUBLICAÇÃO ELETRÔNICA de TCC NO REPOSITÓRIO INSTITUCIONAL UNIC Autorizo a reprodução, publicação e divulgação do referido TCC nos Repositórios Institucionais da UNIC impressos ou com acesso on-line pela Internet, entendendo-se os termos reproduzir e publicar conforme definições do Inciso VI e I respectivamente, do artigo 5º da Lei 9.610/98 de 10/02/1998, a obra acima citada, sem que me seja devido pagamento de Direito Autorais, desde que a publicação tenha a finalidade exclusiva de uso acima mencionados, sem fins comerciais, e com objetivo de divulgação da produção acadêmica gerada pela Instituição. Cuiabá, / /

19 18 Modelo UNIC : Verso da Folha de Rosto Para Trabalhos de Conclusão de Curso (Graduação). UNIVERSIDADE DE CUIABÁ Reitor Dr. ALTAMIRO BELO GALINDO Pró-Reitoria Acadêmica Prof. RUI FAVA União para o Desenvolvimento da Pós-graduação UNIPÓS Prof. M.Sc. WILLIANS XAVIER DE OLIVEIRA TERMO DE AUTORIZAÇÃO PARA PUBLICAÇÃO ELETRÔNICA de TCC NO REPOSITÓRIO INSTITUCIONAL UNIC Autorizo a reprodução, publicação e divulgação do referido TCC nos Repositórios Institucionais da UNIC impressos ou com acesso on-line pela Internet, entendendo-se os termos reproduzir e publicar conforme definições do Inciso VI e I respectivamente, do artigo 5º da Lei 9.610/98 de 10/02/1998, a obra acima citada, sem que me seja devido pagamento de Direito Autorais, desde que a publicação tenha a finalidade exclusiva de uso acima mencionados, sem fins comerciais, e com objetivo de divulgação da produção acadêmica gerada pela Instituição. Cuiabá, / /

20 1.1.5 Errata Elemento opcional que deve ser inserido logo após a folha de rosto, constituído pela referência do trabalho e pelo texto da errata (NBR 14724, 2005). Usar quando necessário. Trata-se de uma folha ou papeleta com as indicações de modificações feitas no trabalho, após sua conclusão. 19 Para os trabalhos acadêmicos da UNIC poderá ser inserida para indicar as alterações recomendadas pela Banca ou Orientador, após apresentação do trabalho. A papeleta deve ter o título Errata e, abaixo, as indicações devem ser feitas da seguinte forma: Silva, Maria das Graças Santiago. Trabalho e Emprego: quem ganha mais? São Paulo: Germano e Associados, p. ERRATA Folha Linha Onde se lê Leia-se 6 3 Micróbios Bactérias 56 6 craniofacial craniomandibulares Referência do trabalho Folha de Aprovação Elemento obrigatório para TCC, Dissertações e Teses, Relatórios e Projetos de final de curso que são submetidos à Comissão ou Banca Examinadora e, segundo a ABNT (NBR 14724, 2005) deve conter: autor, título por extenso e subtítulo (se houver), natureza e objetivo do trabalho, nome da instituição a que é submetido, área de concentração, data de aprovação, nome, titulação e assinatura dos componentes da banca examinadora. A data de aprovação e assinaturas com os nomes dos membros da banca examinadora é colocada após a aprovação do trabalho. Apresentação e Localização: deve ser incluída após a folha de rosto; após a defesa, será datada e assinada pelos membros da Banca Examinadora; à direita da folha grafar em caixa alta e em negrito a expressão COMISSÃO EXAMINADORA ou BANCA EXAMINADORA, dando ênfase ao Professor Orientador, como primeiro nome; abaixo, a dois espaços duplos de entrelinhas imprimir três linhas, se para Dissertações, ou cinco linhas, se para Teses, para as assinaturas dos membros da banca examinadora. abaixo das assinaturas constar o local, data da defesa e a Nota final.

21 20 Modelo UNIC: Folha de Aprovação (Obrigatória) MÁRIO DA SILVA A CONDIÇÃO JURÍDICA DAS S.A. Autor e título do trabalho Nota sobre a natureza e objetivo do trabalho Espaço simples, margem direita. Trabalho de Conclusão do Curso de Pedagogia, para obtenção do grau de Licenciado em Educação apresentado à Faculdade de Educação da Universidade de Cuiabá (UNIC) em 20 de junho de Orientadora: Profª. Maria Laura Faria. Indicativo: Banca Examinadora BANCA EXAMINADORA Profª. M.Sc. Maria Laura Faria Orientadora Prof. Prof. Prof. Cuiabá, de de Nota final: Destaque para o orientador. Abaixo da linha de assinatura, nome e titulação. Linhas para assinaturas dos membros da Banca, com seus nomes e titulação, abaixo da linha. Data da aprovação. Nota final de aprovação.

22 Dedicatória Trata-se de uma homenagem do autor a alguém que contribuiu com destaque para a elaboração de seu trabalho e a quem ele o dedica. Elemento opcional colocado após a folha de aprovação (NBR 14724, 2005). Para os TCC-UNIC, se inclusa folha de dedicatória, deve figurar em página ímpar, sem título e sem indicativo numérico, margem justificada, com tipo de fonte e espacejamento simples. O uso da dedicatória deve ser discreto e limitar-se a uma só pessoa destacada entre as que apoiaram ou significaram importância especial para o autor. Dedicatórias aos pais, filhos, cônjuge, mestres em geral, poderá ser feita de forma manuscrita em um exemplar do trabalho. Modelo: Folha de Dedicatória (Opcional) Aos profissionais da Informação, dedicados à organização sistemática e à disseminação do conhecimento, colaboradores na construção de uma sociedade com direito de acesso à informação; A quem puder aprender, com este trabalho, alguma coisa útil para a sua vida profissional

23 Agradecimentos É elemento pré-textual opcional onde se registram os agradecimentos às pessoas e/ou Instituições que colaboraram de alguma forma, para a elaboração da publicação. Para os TCC-UNIC, se inserida deve figurar com o cabeçalho Agradecimentos, centralizado, em maiúsculas, iniciando folha, após a Folha de Dedicatória, quando houver. O tipo e o tamanho da fonte utilizada devem ser os mesmos do texto do trabalho em espacejamento simples. Não se deve abusar de agradecimentos e destacar realmente aqueles que merecem ser lembrados, limitar-se a uma folha. Modelo: Folha de Agradecimentos (Opcional) AGRADECIMENTOS Cabeçalho: AGRADECIMENTOS Dedico especial agradecimento a FULANO DE TAL, orientador dedicado que com sabedoria soube dirigir-me os passos e os pensamentos para o alcance de meus objetivos; Desejo apresentar meus carinhosos agradecimentos à Equipe de Pediatria do Hospital das Clínicas com quem aprendi a prática e a verdade do dia a dia do trabalho; Aos meus mestres, doutores na arte da compreensão e da paciência que me dedicaram seu tempo e, com sabedoria me conduziram no caminho da pesquisa científica e na aplicação do conhecimento aos pequeninos que de mim necessitem, com respeito e doação. Texto em espaço simples. Fonte igual à do texto.

24 Epígrafe Epígrafe é um texto em que o autor apresenta uma citação seguida de indicação de autoria, relacionada com a matéria tratada no corpo do trabalho. (NBR 6029, 2006, ABNT). É elemento opcional, colocado após os agradecimentos, podendo também constar epígrafes nas folhas de abertura das seções primárias. (NBR 14724, 2005, ABNT). Modelo: Folha de Epígrafe (Opcional) Eu acredito demais na sorte. E tenho constatado que, quanto mais eu trabalho mais sorte eu tenho." (Thomas Jefferson) Exemplo de Epígrafe em Folha inicial de Seção primária 3 TRABALHO E FELICIDADE Eu acredito demais na sorte. E tenho constatado que, quanto mais eu trabalho mais sorte eu tenho." (Thomas Jefferson)

25 Resumo e Abstract Conforme a NBR ( ABNT) os dois Resumos são elementos obrigatórios para trabalhos acadêmicos, constituídos de uma seqüência de frases concisas e objetivas e não de uma simples enumeração de tópicos, não ultrapassando 500 palavras, seguido, logo abaixo, das palavras representativas do conteúdo do trabalho, isto é, palavras-chave retiradas de descritores de assunto. Segundo a ABNT NBR 6028 (2003), norma específica sobre Resumos, o Resumo em língua estrangeira deve ser digitado na folha seguinte ao Resumo em língua vernácula. Para os demais tipos de trabalhos acadêmicos, incluir quando exigidos pelo Orientador. O objetivo do Resumo é difundir amplamente as informações contidas no documento, permitindo ao leitor conhecer o documento de forma que ele determine se necessita ler o documento original para saber sobre os pontos relevantes e mais importantes do trabalho. Segundo a NBR 6028 (2003 ABNT) são três os tipos de resumos: Resumo crítico redigido por especialistas com análise crítica de um documento. É também chamado de Resenha. Quando analisa apenas uma determinada edição entre várias, denomina-se Recensão. Resumo indicativo indica apenas os pontos principais do documento, não apresentando dados qualitativos nem quantitativos. Não dispensa a consulta ao texto integral original. Resumo informativo informa as finalidades, metodologia, resultados e conclusões do documento, podendo até dispensar a consulta ao texto integral original. São regras gerais de apresentação dos Resumos: Deve ressaltar o objetivo, o método, os resultados e as conclusões do documento. A ordem e a extensão destes itens dependem do tipo de resumo e do tratamento que cada item recebe no texto integral do documento original. Para trabalhos acadêmicos (teses, dissertações e outros) e relatórios técnico-científicos devem ter de 150 a 500 PALAVRAS. Para artigos de periódicos, de 100 a 250 palavras e para indicações breves, de 50 a 100 palavras. Os resumos críticos, por suas características especiais não estão sujeitos a limite de palavras. Deve ser precedido da referência do documento (elaborada conforme NBR 6023/2005 ABNT), exceto se o resumo for inserido no próprio documento. A primeira frase do resumo deve ser significativa, explicando o tema principal do documento seguido da indicação da informação sobre a categoria do tratamento, se memória, estudo de caso, análise da situação etc. Deve-se usar o verbo na voz ativa e na terceira pessoa do singular. As Palavras-Chave devem figurar logo abaixo do resumo, antecedidas pela expressão Palavraschave: separadas entre si por ponto e finalizada também por ponto. Palavra-chave é uma palavra representativa do conteúdo do documento, escolhida, preferentemente, em vocabulário controlado. Deve-se evitar uso de símbolos e contrações que não sejam de uso corrente e fórmulas, equações, diagramas etc. que não sejam absolutamente necessários; se forem imprescindíveis deve-se defini-los na primeira vez em que aparecerem. Complementando a NBR 6028 (2003), sobre Resumos, a NBR (2005) nos esclarece sobre: O Resumo em língua estrangeira facilita a divulgação do texto a nível internacional; Para trabalhos científicos deve-se preferencialmente utilizar o resumo informativo/indicativo que expõe finalidades, metodologia, resultados e conclusões do trabalho; Podem ocorrer resumos das principais divisões da publicação, no início ou no final das divisões. Quanto ao ESTILO, recomenda-se ainda: não utilizar parágrafos, frases negativas, símbolos e ilustrações;

MONOGRAFIA ESTRUTURA DE MONOGRAFIAS

MONOGRAFIA ESTRUTURA DE MONOGRAFIAS MONOGRAFIA Trata-se de uma construção intelectual do aluno-autor que revela sua leitura, reflexão e interpretação sobre o tema da realidade. Tem como base a escolha de uma unidade ou elemento social, sob

Leia mais

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE MONOGRAFIA

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE MONOGRAFIA ANEXO da Norma 004/2008 CCQ Rev 1, 28/09/2009 UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA INSTITUTO DE QUÍMICA CURSO DE GRADUAÇÃO EM QUÍMICA Salvador 2009 2 1 Objetivo Estabelecer parâmetros para a apresentação gráfica

Leia mais

5 ESTRUTURA E APRESENTAÇÃO DE MONOGRAFIAS OU TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC)... 478 5.1 Ordenamento dos elementos da monografia ou TCC... 48 5.

5 ESTRUTURA E APRESENTAÇÃO DE MONOGRAFIAS OU TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC)... 478 5.1 Ordenamento dos elementos da monografia ou TCC... 48 5. 5 ESTRUTURA E APRESENTAÇÃO DE MONOGRAFIAS OU TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC)... 478 5.1 Ordenamento dos elementos da monografia ou TCC... 48 5.2 Capa... 48 5.3 Folha de rosto... 51 5.4 Errata... 53

Leia mais

ANEXO II PROCEDIMENTOS PARA ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA

ANEXO II PROCEDIMENTOS PARA ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA ANEXO II PROCEDIMENTOS PARA ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA A elaboração da monografia deve ter como referência a ABNT NBR 14724/ 2006, a qual destaca que um trabalho acadêmico compreende elementos pré-textuais,

Leia mais

NORMAS DE FORMATAÇÃO DO TRABALHO FINAL (PIL) Apresentação Gráfica

NORMAS DE FORMATAÇÃO DO TRABALHO FINAL (PIL) Apresentação Gráfica UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA Faculdade de Educação UAB/UnB Curso de Especialização em Educação na Diversidade e Cidadania, com Ênfase em EJA Parceria MEC/SECAD NORMAS DE FORMATAÇÃO DO TRABALHO FINAL (PIL)

Leia mais

Ministério da Educação Universidade Federal do Amapá Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação Programa de Pós-graduação em Ciências Farmacêuticas

Ministério da Educação Universidade Federal do Amapá Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação Programa de Pós-graduação em Ciências Farmacêuticas Ministério da Educação Universidade Federal do Amapá Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação Programa de Pós-graduação em Ciências Farmacêuticas MANUAL PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE DISSERTAÇÃO (FORMATO

Leia mais

BIBLIOTECA DE CIÊNCIAS JURÍDICAS. NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE DOCUMENTOS CIENTÍFICOS: TRABALHOS ACADÊMICOS Aula 1

BIBLIOTECA DE CIÊNCIAS JURÍDICAS. NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE DOCUMENTOS CIENTÍFICOS: TRABALHOS ACADÊMICOS Aula 1 BIBLIOTECA DE CIÊNCIAS JURÍDICAS NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE DOCUMENTOS CIENTÍFICOS: TRABALHOS ACADÊMICOS Aula 1 Paula Carina de Araújo paulacarina@ufpr.br 2014 Pesquisa Pesquisa Atividade básica da ciência

Leia mais

NBR 14724/2011 ABNT NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 19/10/2011. Objetivo

NBR 14724/2011 ABNT NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 NBR 14724/2011 19/10/2011. Objetivo Objetivo ABNT Normas para elaboração de trabalhos científicos Esta Norma especifica os princípios gerais para a elaboração de trabalhos acadêmicos, visando sua apresentação à instituição Estrutura Parte

Leia mais

DISCIPLINA: PRÁTICA PROFISSIONAL E ESTÁGIO SUPERVISIONADO I, II E III CIÊNCIAS CONTÁBEIS ACADÊMICOS

DISCIPLINA: PRÁTICA PROFISSIONAL E ESTÁGIO SUPERVISIONADO I, II E III CIÊNCIAS CONTÁBEIS ACADÊMICOS DISCIPLINA: PRÁTICA PROFISSIONAL E ESTÁGIO SUPERVISIONADO I, II E III CIÊNCIAS CONTÁBEIS APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS PROF. DR. MARCOS FRANCISCO R. SOUSA PROF. Me. CELSO LUCAS COTRIM APRESENTAÇÃO

Leia mais

METODOLOGIA DO TRABALHO CIENTÍFICO MATERIAL DIDÁTICO DA ABNT

METODOLOGIA DO TRABALHO CIENTÍFICO MATERIAL DIDÁTICO DA ABNT METODOLOGIA DO TRABALHO CIENTÍFICO MATERIAL DIDÁTICO DA ABNT www.abnt.org.br Objetivos da normalização Comunicação Simplificação Níveis de normalização Menos exigente (Genérica) INTERNACIONAL REGIONAL

Leia mais

- TCC A/B - ORIENTAÇÕES PARA ESTRUTURAÇÃO E FORMATAÇÃO (Versão 1.3 Agosto de 2008)

- TCC A/B - ORIENTAÇÕES PARA ESTRUTURAÇÃO E FORMATAÇÃO (Versão 1.3 Agosto de 2008) Faculdade Dom Bosco de Porto Alegre Curso de Sistemas de Informação Trabalho de Conclusão de Curso Prof. Dr. Luís Fernando Garcia - TCC A/B - ORIENTAÇÕES PARA ESTRUTURAÇÃO E FORMATAÇÃO (Versão 1.3 Agosto

Leia mais

TRABALHOS ACADÊMICOS ESTRUTURA DOS TRABALHOS ESTRUTURA E FORMATO DE TRABALHOS ACADÊMICOS ACADÊMICOS. O que é um trabalho acadêmico?

TRABALHOS ACADÊMICOS ESTRUTURA DOS TRABALHOS ESTRUTURA E FORMATO DE TRABALHOS ACADÊMICOS ACADÊMICOS. O que é um trabalho acadêmico? NÚCLEO DE DISCIPLINAS INTEGRADAS METODOLOGIA CIENTÍFICA NORMAS DE TRABALHOS ACADÊMICOS ESTRUTURA E ELEMENTOS PRÉ-TEXTUAIS TRABALHOS ACADÊMICOS O que é um trabalho acadêmico? Documento que apresenta resultados

Leia mais

Trabalhos Científicos Usuais: Caracterização e Estrutura

Trabalhos Científicos Usuais: Caracterização e Estrutura Trabalhos Científicos Usuais: Caracterização e Estrutura Iniciação à Pesquisa em Informática Profª MSc. Thelma E. C. Lopes e-mail: thelma@din.uem.br 2 Texto Científico: o que é? A elaboração do texto científico

Leia mais

INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR SANT ANA LUCIO MAURO BRAGA MACHADO MANUAL PARA A ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS

INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR SANT ANA LUCIO MAURO BRAGA MACHADO MANUAL PARA A ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR SANT ANA LUCIO MAURO BRAGA MACHADO MANUAL PARA A ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS PONTA GROSSA 2011 LUCIO MAURO BRAGA MACHADO MANUAL PARA A ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS

Leia mais

Guia para Apresentação de Trabalho Acadêmico: de acordo com NBR 14724/2011. São Carlos

Guia para Apresentação de Trabalho Acadêmico: de acordo com NBR 14724/2011. São Carlos Guia para Apresentação de Trabalho Acadêmico: de acordo com NBR 14724/2011 São Carlos Guia para Apresentação de Trabalho Acadêmico As orientações abaixo estão de acordo com NBR 14724/2011 da Associação

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA BIOMÉDICA Regulamento do TCC

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA BIOMÉDICA Regulamento do TCC ANEXO A TERMO DE COMPROMISSO DE ORIENTAÇÃO DO TRABALHO DE Nome do Aluno: Matricula: Título do TCC CONCLUSAO DE CURSO (TCC) Solicito que seja designado como meu Orientador do Trabalho de Conclusão de Curso

Leia mais

CURSO DE PEDAGOGIA MANUAL DO TCC ARUJÁ SP

CURSO DE PEDAGOGIA MANUAL DO TCC ARUJÁ SP CURSO DE PEDAGOGIA MANUAL DO TCC ARUJÁ SP 2011 ESTRUTURA 1 ELEMENTOS DE PRÉ-TEXTO 1.1 Capa 1.2 Lombada descendente 1.3 Folha de rosto 1.4 Folha de aprovação 1.5 Dedicatória 1.6 Agradecimentos 1.7 Epígrafe

Leia mais

Os trabalhos acadêmicos devem ser divididos em: elementos pré-textuais, textuais e

Os trabalhos acadêmicos devem ser divididos em: elementos pré-textuais, textuais e NORMAS PARA A REDAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE FACULDADE DE CIÊNCIAS DA SAÚDE UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA O projeto gráfico é de responsabilidade do autor

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE SANTA CRUZ - UESC PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BOTÂNICA - PPGBOT. ANEXO 1 Normas de editoração e estruturação de dissertações

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE SANTA CRUZ - UESC PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BOTÂNICA - PPGBOT. ANEXO 1 Normas de editoração e estruturação de dissertações UNIVERSIDADE ESTADUAL DE SANTA CRUZ - UESC PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BOTÂNICA - PPGBOT ANEXO 1 Normas de editoração e estruturação de dissertações 1ª edição Ilhéus BA 2012 SUMÁRIO SUMÁRIO... 2 APRESENTAÇÃO...

Leia mais

UNIVERSIDADE PAULISTA INSTITUTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E COMUNICAÇÃO CURSOS DE GESTÃO TECNOLÓGICA PIM - III

UNIVERSIDADE PAULISTA INSTITUTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E COMUNICAÇÃO CURSOS DE GESTÃO TECNOLÓGICA PIM - III UNIVERSIDADE PAULISTA INSTITUTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E COMUNICAÇÃO CURSOS DE GESTÃO TECNOLÓGICA PIM - III Projeto Integrado Multidisciplinar Cursos Superiores Tecnológicos G. SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Trabalho

Leia mais

MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE MONOGRAFIAS DO CET/UnB

MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE MONOGRAFIAS DO CET/UnB UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA Centro de Excelência em Turismo MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE MONOGRAFIAS DO CET/UnB Por: Jakeline V. de Pádua APRESENTAÇÃO As páginas que se seguem especificam os princípios gerais

Leia mais

Manual para normalização de trabalhos técnicos científicos

Manual para normalização de trabalhos técnicos científicos Padrão FEAD de normalização Manual para normalização de trabalhos técnicos científicos Objetivo Visando padronizar os trabalhos científicos elaborados por alunos de nossa instituição Elaboramos este manual

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA APRESENTAÇÃO DE ARTIGO EM PUBLICAÇÃO PERIÓDICA CIENTÍFICA (NBR 6022:2003)

PROCEDIMENTOS PARA APRESENTAÇÃO DE ARTIGO EM PUBLICAÇÃO PERIÓDICA CIENTÍFICA (NBR 6022:2003) PROCEDIMENTOS PARA APRESENTAÇÃO DE ARTIGO EM PUBLICAÇÃO PERIÓDICA CIENTÍFICA (NBR 6022:2003) Maio de 2012. UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA. Biblioteca Universitária. Programa de capacitação. 2 NORMAS

Leia mais

Apresentação e formatação de artigo em publicação periódica científica:

Apresentação e formatação de artigo em publicação periódica científica: Apresentação e formatação de artigo em publicação periódica científica: Conforme NBR 6022:2003 Seção de atendimento ao usuário - SISBI Outubro 2013 Normas técnicas Norma técnica é um documento estabelecido

Leia mais

NORMALIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS ABNT TRABALHOS ACADÊMICOS:

NORMALIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS ABNT TRABALHOS ACADÊMICOS: MANUAL PARA TCC www.etecmonteaprazivel.com.br Estrada do Bacuri s/n Caixa Postal 145 Monte Aprazível SP CEP 15150-000 Tel.: (17) 3275.1522 Fax: (17) 3275.1841 NORMALIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS ABNT

Leia mais

Normas para Apresentação de Monografias

Normas para Apresentação de Monografias UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE DEPARTAMENTO DE SISTEMAS E COMPUTAÇÃO COORDENAÇÃO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO Normas para Apresentação de Monografias Campina Grande, dezembro 2010

Leia mais

INSTITUTO SUPERIOR DE CIÊNCIAS APLICADAS BIBLIOTECA PROF. DR. ALFONSO TRUJILLO FERRARI

INSTITUTO SUPERIOR DE CIÊNCIAS APLICADAS BIBLIOTECA PROF. DR. ALFONSO TRUJILLO FERRARI INSTITUTO SUPERIOR DE CIÊNCIAS APLICADAS BIBLIOTECA PROF. DR. ALFONSO TRUJILLO FERRARI GUIA PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS: diretrizes para normalização Rosemeire Zambini Bibliotecária CRB5018

Leia mais

2- DETALHES SOBRE A ESTRUTURA DO RELATÓRIO A seguir estão orientações sobre como formatar as diversas partes que compõem o relatório.

2- DETALHES SOBRE A ESTRUTURA DO RELATÓRIO A seguir estão orientações sobre como formatar as diversas partes que compõem o relatório. 1 - ESTRUTURA DO RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO O relatório do Estágio Supervisionado de todos os cursos do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Minas Gerais Campus Formiga - irá mostrar

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA N 002/2009/PEQ-UFS ANEXO I NORMAS PARA A ELABORAÇÃO DA DISSERTAÇÃO

INSTRUÇÃO NORMATIVA N 002/2009/PEQ-UFS ANEXO I NORMAS PARA A ELABORAÇÃO DA DISSERTAÇÃO INSTRUÇÃO NORMATIVA N 002/2009/PEQ-UFS ANEXO I NORMAS PARA A ELABORAÇÃO DA DISSERTAÇÃO 1. INTRODUÇÃO A Dissertação é a apresentação escrita do trabalho de pesquisa desenvolvido no âmbito do Programa de

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA (UESB) DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS (DCE) CURSO DE MATÉMATICA VANÊIDE ROCHA DIAS RIBEIRO

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA (UESB) DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS (DCE) CURSO DE MATÉMATICA VANÊIDE ROCHA DIAS RIBEIRO UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA (UESB) DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS (DCE) CURSO DE MATÉMATICA VANÊIDE ROCHA DIAS RIBEIRO FORMATAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS (FTA) VITÓRIA DA CONQUISTA BA 2009

Leia mais

Informação e documentação Trabalhos acadêmicos Apresentação

Informação e documentação Trabalhos acadêmicos Apresentação AGO 2002 NBR 14724 ABNT Associação Brasileira de Normas Técnicas Informação e documentação Trabalhos acadêmicos Apresentação Sede: Rio de Janeiro Av. Treze de Maio, 13 2º andar CEP 20003-900 Caixa Postal

Leia mais

INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR DE GOIÁS IESGO FACULDADES IESGO CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA

INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR DE GOIÁS IESGO FACULDADES IESGO CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR DE GOIÁS IESGO FACULDADES IESGO CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA MANUAL DE NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS DE CONCLUSÃO DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA FORMOSA/GO

Leia mais

Checklist da Estrutura de Monografia, Tese ou Dissertação na MDT UFSM 2010

Checklist da Estrutura de Monografia, Tese ou Dissertação na MDT UFSM 2010 1 Checklist da Estrutura de Monografia, Tese ou Dissertação na MDT UFSM 2010 Pré-textuais Textuais Pós-textuais Estrutura Elemento OK Capa (obrigatório) Anexo A (2.1.1) Lombada (obrigatório) Anexo H Folha

Leia mais

DIRETRIZES BÁSICAS PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DO CURSO DE PEDAGOGIA TCC2

DIRETRIZES BÁSICAS PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DO CURSO DE PEDAGOGIA TCC2 UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE CIÊNCIAS SÓCIO-ECONÔMICAS E HUMANAS COORDENAÇÃO DO CURSO DE PEDAGOGIA COORDENAÇÃO ADJUNTA DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DIRETRIZES BÁSICAS PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO

Leia mais

Normas para Redação da Dissertação/Tese

Normas para Redação da Dissertação/Tese Normas para Redação da Dissertação/Tese Estrutura A estrutura de uma dissertação, tese ou monografia compreende três partes fundamentais, de acordo com a ABNT (NBR 14724): elementos prétextuais, elementos

Leia mais

universia.com.br/materia/img/tutoriais/ /01.jsp 1/1

universia.com.br/materia/img/tutoriais/ /01.jsp 1/1 5/12/2008 Monografias - Apresentação Fazer um trabalho acadêmico exige muito de qualquer pesquisador ou estudante. Além de todo esforço em torno do tema do trabalho, é fundamental ainda, adequá-lo às normas

Leia mais

GUIA DE ORIENTAÇÕES PARA FORMATAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO

GUIA DE ORIENTAÇÕES PARA FORMATAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO GUIA DE ORIENTAÇÕES PARA FORMATAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO 1. APRESENTAÇÃO É essencial o uso de normas técnicas para uma boa apresentação e compreensão da leitura de um trabalho acadêmico-científico.

Leia mais

DIRETRIZES PARA A REDAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOENGENHARIA

DIRETRIZES PARA A REDAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOENGENHARIA 1 DIRETRIZES PARA A REDAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOENGENHARIA O projeto gráfico é de responsabilidade do autor do trabalho, ou seja, o que não consta no texto destas

Leia mais

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO (1)

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO (1) 1 COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO (1) SOBRENOME, Nome Aluno 1 Graduando em Administração de Empresas Decision/FGV SOBRENOME, Nome Aluno 2 Graduando em Administração de Empresas Decision/FGV RESUMO Este

Leia mais

Curso de Comunicação Social - Publicidade e Propaganda NORMAS PARA ELABORAÇÃO / APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS

Curso de Comunicação Social - Publicidade e Propaganda NORMAS PARA ELABORAÇÃO / APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS Curso de Comunicação Social - Publicidade e Propaganda NORMAS PARA ELABORAÇÃO / APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS 1 ESTRUTURA A estrutura e a disposição dos elementos de um trabalho acadêmico são as

Leia mais

FACULDADE ÚNICA DE CONTAGEM CLAUDIANE SANTANA MANUAL DE NORMALIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS CIENTÍFICOS

FACULDADE ÚNICA DE CONTAGEM CLAUDIANE SANTANA MANUAL DE NORMALIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS CIENTÍFICOS FACULDADE ÚNICA DE CONTAGEM CLAUDIANE SANTANA MANUAL DE NORMALIZAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS CIENTÍFICOS Baseado nas obras de Júnia Lessa França e Ana Cristina de Vasconcellos; Rosy Mara Oliveira. Atualizado

Leia mais

SISTEMA DE BIBLIOTECAS FMU/FIAM-FAAM/FISP NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA

SISTEMA DE BIBLIOTECAS FMU/FIAM-FAAM/FISP NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA SISTEMA DE BIBLIOTECAS FMU/FIAM-FAAM/FISP NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA São Paulo 2014 SUMÁRIO APRESENTAÇÃO 1 ELEMENTOS EXTERNOS 1.1 CAPA 1.2 LOMBADA 2 ELEMENTOS INTERNOS PRÉ-TEXTUAIS

Leia mais

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO 1 Modelo de Artigo de periódico baseado na NBR 6022, 2003. Título do artigo, centralizado. COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO Maria Bernardete Martins Alves * Susana Margaret de Arruda ** Nome do (s) autor

Leia mais

Apresentação de Trabalhos Acadêmicos ABNT

Apresentação de Trabalhos Acadêmicos ABNT Apresentação de Trabalhos Acadêmicos ABNT Editoração do Trabalho Acadêmico 1 Formato 1.1. Os trabalhos devem ser digitados em papel A-4 (210 X297 mm) apenas no anverso (frente) da folha. 2 Tipo e tamanho

Leia mais

PIM I. Projeto Integrado Multidisciplinar

PIM I. Projeto Integrado Multidisciplinar PIM I Projeto Integrado Multidisciplinar PIM I - PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR TEMA: Descrição e Análise de Práticas de Gestão Organizacional em uma Empresa. OBJETIVOS: Favorecer aos alunos ingressantes

Leia mais

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO Modelo de Artigo de periódico baseado na NBR 6022, 2003. Título do artigo, centralizado. COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO Maria Bernardete Martins Alves * Susana Margaret de Arruda ** Nome do (s) autor

Leia mais

FACULDADE DOM BOSCO. Credenciada através da Portaria nº 2.387, D.O.U. em 12/08/2004 Cornélio Procópio/Paraná MANUAL DE TRABALHO DE CURSO

FACULDADE DOM BOSCO. Credenciada através da Portaria nº 2.387, D.O.U. em 12/08/2004 Cornélio Procópio/Paraná MANUAL DE TRABALHO DE CURSO FACULDADE DOM BOSCO Credenciada através da Portaria nº 2.387, D.O.U. em 12/08/2004 Cornélio Procópio/Paraná MANUAL DE TRABALHO DE CURSO CORNÉLIO PROCÓPIO 2012 Como elaborar um TC 1 Introdução Objetiva-se

Leia mais

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS APRESENTAÇÃO O trabalho deve ser digitado e impresso em papel formato A4. O texto deve ser digitado, no anverso das folhas, em espaço 1,5, letra do tipo

Leia mais

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DO CURSO DE INGRESSO E VITALICIAMENTO DOS NOVOS MEMBROS DO MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO CEARÁ

NORMAS PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DO CURSO DE INGRESSO E VITALICIAMENTO DOS NOVOS MEMBROS DO MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO CEARÁ GESTÃO2010/2012 ESCOLASUPERIORDOMINISTÉRIOPÚBLICO(Art.1ºdaLei11.592/89) Credenciada pelo Parecer 559/2008, de 10/12/08, do CEC (Art. 10, IV da Lei Federal n.º 9.394, de 26/12/1996 - LDB) NORMAS PARA ELABORAÇÃO

Leia mais

GUIA PARA ELABORAÇÃO DISSERTAÇÃO DE MESTRADO (SEGUNDO ABNT-NBR 14724) PROGRAMA DE PÓS GRADUAÇÃO EM BIOTECNOLOGIA - UFSJ

GUIA PARA ELABORAÇÃO DISSERTAÇÃO DE MESTRADO (SEGUNDO ABNT-NBR 14724) PROGRAMA DE PÓS GRADUAÇÃO EM BIOTECNOLOGIA - UFSJ UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL-REI UFSJ CAMPUS CENTRO-OESTE DONA LINDU CCO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOTECNOLOGIA GUIA PARA ELABORAÇÃO DISSERTAÇÃO DE MESTRADO (SEGUNDO ABNT-NBR 14724) PROGRAMA

Leia mais

CONSTRUINDO MINHA MONOGRAFIA

CONSTRUINDO MINHA MONOGRAFIA CONSTRUINDO MINHA MONOGRAFIA 1 Prezado(a) aluno(a), Este roteiro foi preparado para auxiliá-lo na elaboração de sua monografia (TCC). Ele o apoiará na estruturação das etapas do seu trabalho de maneira

Leia mais

GUIA PARA CONFECÇÃO DE PROJETO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC)

GUIA PARA CONFECÇÃO DE PROJETO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC) GUIA PARA CONFECÇÃO DE PROJETO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO (TCC) Mestrado Profissional em Metrologia e Qualidade Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial 2010 APRESENTAÇÃO

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA MESTRADO EM SAÚDE PÚBLICA NORMAS PARA ELABORAÇÃO DA DISSERTAÇÃO

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA MESTRADO EM SAÚDE PÚBLICA NORMAS PARA ELABORAÇÃO DA DISSERTAÇÃO UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA MESTRADO EM SAÚDE PÚBLICA NORMAS PARA ELABORAÇÃO DA DISSERTAÇÃO CAMPINA GRANDE 2015 1 DISSERTAÇÃO A defesa pública da dissertação

Leia mais

PROJETO MULDISCIPLINAR DO CURSO DE BACHAREL EM ADMINISTRAÇÃO DA UNIESP FACULDADE DO GUARUJÁ. Prof. Marat Guedes Barreiros

PROJETO MULDISCIPLINAR DO CURSO DE BACHAREL EM ADMINISTRAÇÃO DA UNIESP FACULDADE DO GUARUJÁ. Prof. Marat Guedes Barreiros PROJETO MULDISCIPLINAR DO CURSO DE BACHAREL EM ADMINISTRAÇÃO DA UNIESP FACULDADE DO GUARUJÁ Prof. Marat Guedes Barreiros GUARUJÁ 2º semestre de 2013 PROJETO MULDISCIPLINAR Curso superior de BACHAREL em

Leia mais

OBRIGATÓRIO= + OPCIONAL= *

OBRIGATÓRIO= + OPCIONAL= * Lombada* UFRGS FACULDADE DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS BIBLIOTECA GLÁDIS W. DO AMARAL ORIENTAÇÃO SOBRE A ESTRUTURA DO TRABALHO ACADÊMICO Elementos póstextuais INDICES * PARTE INTERNA ANEXOS * APENDICES * GLOSSARIO

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE PIRENÓPOLIS

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE PIRENÓPOLIS 0 UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE PIRENÓPOLIS MANUAL PARA FORMATAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS DA UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE PIRENÓPOLIS PIRENÓPOLIS 2012 1 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 1

Leia mais

Escola de Administração Biblioteca. Normas para elaboração do TCC

Escola de Administração Biblioteca. Normas para elaboração do TCC Universidade Federal do Rio Grande do Sul Escola de Administração Biblioteca Normas para elaboração do TCC O que é um Trabalho de Conclusão de Curso? O TCC, é um trabalho acadêmico feito sob a coordenação

Leia mais

MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS: de acordo com as normas da ABNT

MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS: de acordo com as normas da ABNT ESCOLA E FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI ANTÔNIO ADOLPHO LOBBE MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS: de acordo com as normas da ABNT SÃO CARLOS 2010 MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS:

Leia mais

ABNT NBR 15287 NORMA BRASILEIRA. Informação e documentação Projeto de pesquisa Apresentação

ABNT NBR 15287 NORMA BRASILEIRA. Informação e documentação Projeto de pesquisa Apresentação NORMA BRASILEIRA ABNT NBR 15287 Primeira edição 30.12.2005 Válida a partir de 30.01.2006 Informação e documentação Projeto de pesquisa Apresentação Information and documentation Research project Presentation

Leia mais

NORMAS PARA REDAÇÃO E IMPRESSÃO DE DISSERTAÇÕES E TESES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM AGRONOMIA ÁREA DE CONCENTRAÇÃO EM PRODUÇÃO VEGETAL

NORMAS PARA REDAÇÃO E IMPRESSÃO DE DISSERTAÇÕES E TESES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM AGRONOMIA ÁREA DE CONCENTRAÇÃO EM PRODUÇÃO VEGETAL NORMAS PARA REDAÇÃO E IMPRESSÃO DE DISSERTAÇÕES E TESES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM AGRONOMIA ÁREA DE CONCENTRAÇÃO EM PRODUÇÃO VEGETAL AQUIDAUANA MS 2009 1. PAPEL E PROCESSO DE MULTIPLICAÇÃO O papel

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO OESTE DO PARANÁ - Unioeste PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS AMBIENTAIS - PPGCA

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO OESTE DO PARANÁ - Unioeste PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS AMBIENTAIS - PPGCA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO OESTE DO PARANÁ - Unioeste PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS AMBIENTAIS - PPGCA Normas para elaboração de Dissertações do Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais MODELO

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO ESCOLA DE MINAS COLEGIADO DO CURSO DE ENGENHARIA AMBIENTAL

UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO ESCOLA DE MINAS COLEGIADO DO CURSO DE ENGENHARIA AMBIENTAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO ESCOLA DE MINAS COLEGIADO DO CURSO DE ENGENHARIA AMBIENTAL NORMAS PARA A ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE GRADUAÇÃO A SER APRESENTADO AO FINAL DO CURSO DE ENGENHARIA AMBIENTAL

Leia mais

MODELO DE RELATÓRIO DE ESTÁGIO DO CURSO DE GESTÃO AMBIENTAL CURSO DE GESTÃO AMBIENTAL - RELATÓRIO DE ESTÁGIO

MODELO DE RELATÓRIO DE ESTÁGIO DO CURSO DE GESTÃO AMBIENTAL CURSO DE GESTÃO AMBIENTAL - RELATÓRIO DE ESTÁGIO MODELO DE RELATÓRIO DE ESTÁGIO DO CURSO DE GESTÃO AMBIENTAL Estrutura formal do relatório Estrutura Elemento Capa Folha de Rosto Pré-textuais Folha de Identificação Sumário 1. Introdução Textuais 2. Atividades

Leia mais

ORIENTAÇÕES BÁSICAS PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGO CIENTÍFICO

ORIENTAÇÕES BÁSICAS PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGO CIENTÍFICO 1 ORIENTAÇÕES BÁSICAS PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGO CIENTÍFICO 1 APRESENTAÇÃO Tanto o artigo quanto a monografia são trabalhos monográficos, ou seja, trabalhos que apresentam resultados de pesquisa sobre um

Leia mais

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO (1) HOW TO ELABORATE A SCIENTIFIC ARTICLE

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO (1) HOW TO ELABORATE A SCIENTIFIC ARTICLE 1 COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO (1) HOW TO ELABORATE A SCIENTIFIC ARTICLE SOBRENOME, Nome Aluno 1 Graduando em Educação Artística Unifadra / Dracena SOBRENOME, Nome Aluno 2 Graduando em Educação Artística

Leia mais

TRABALHO ACADÊMICO: Guia fácil para diagramação: formato A5. Formatação do Texto

TRABALHO ACADÊMICO: Guia fácil para diagramação: formato A5. Formatação do Texto TRABALHO ACADÊMICO: Guia fácil para diagramação: formato A5 Antes de iniciar a digitação de seu trabalho acadêmico configure seu documento com as especificações a seguir, facilitando a visualização e sua

Leia mais

REGRAS PARA APRESENTAÇÃO DE RELATÓRIO DE ESTÁGIO

REGRAS PARA APRESENTAÇÃO DE RELATÓRIO DE ESTÁGIO 1 REGRAS PARA APRESENTAÇÃO DE RELATÓRIO DE ESTÁGIO Os seguintes padrões atendem às exigências da FTC Feira de Santana, em conformidade com a NBR 14724:2002/2005 da Associação Brasileira de Normas Técnicas

Leia mais

NORMAS PARA A APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS (ABNT/NBR-14724, AGOSTO 2002)

NORMAS PARA A APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS (ABNT/NBR-14724, AGOSTO 2002) NORMAS PARA A APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS (ABNT/NBR-14724, AGOSTO 2002) DIRETOR: Profº. Daniel Jorge dos Santos Branco Borges COORDENADORA PEDAGÓGICA: Profª. Paloma Martinez Veiga Branco COORDENADORA

Leia mais

(Publicações da Biblioteca; 4) ORGANIZAÇÃO. Weber Vasconcellos Gomes Maria Consuelene Marques Maurinete dos Santos

(Publicações da Biblioteca; 4) ORGANIZAÇÃO. Weber Vasconcellos Gomes Maria Consuelene Marques Maurinete dos Santos (Publicações da Biblioteca; 4) ORGANIZAÇÃO Weber Vasconcellos Gomes Maria Consuelene Marques Maurinete dos Santos Revisto e atualizado de acordo com a NBR 15287/2011 Brasília 2011 1 APRESENTAÇÃO De acordo

Leia mais

Procedimentos para apresentação e normalização de trabalhos acadêmicos

Procedimentos para apresentação e normalização de trabalhos acadêmicos Procedimentos para apresentação e normalização de trabalhos acadêmicos Maria Bernardete Martins Alves Marili I. Lopes Procedimentos para apresentação e normalização de trabalhos acadêmicos Módulo 3 Apresentação

Leia mais

GESTÃO HOSPITALAR. PIM VI Projeto Integrado Multidisciplinar

GESTÃO HOSPITALAR. PIM VI Projeto Integrado Multidisciplinar GESTÃO HOSPITALAR PIM VI Projeto Integrado Multidisciplinar 1 PIM PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR TEMA: Elaborar um estudo acerca Estrutura e Funcionamento do Sistema de Saúde Pública e Privada no Brasil.

Leia mais

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PUC-SP. FACULDADE (do aluno) CURSO. TÍTULO DO PROJETO Subtítulo do Projeto AUTOR DO PROJETO

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PUC-SP. FACULDADE (do aluno) CURSO. TÍTULO DO PROJETO Subtítulo do Projeto AUTOR DO PROJETO PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE SÃO PAULO PUC-SP FACULDADE (do aluno) CURSO TÍTULO DO PROJETO Subtítulo do Projeto AUTOR DO PROJETO TÍTULO DO RELATÓRIO AUTOR(ES) DO RELATÓRIO SÃO PAULO 200_ NOTA PRÉVIA

Leia mais

FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO E NEGÓCIOS DE SERGIPE - FANESE NÚCLEO DE PÓS-GRADUAÇÃO E EXTENSÃO NPGE MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS

FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO E NEGÓCIOS DE SERGIPE - FANESE NÚCLEO DE PÓS-GRADUAÇÃO E EXTENSÃO NPGE MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO E NEGÓCIOS DE SERGIPE - FANESE NÚCLEO DE PÓS-GRADUAÇÃO E EXTENSÃO NPGE MANUAL PARA ELABORAÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS ARACAJU 2012 2 PREFÁCIO A apresentação dos trabalhos acadêmicos

Leia mais

REGRAS BÁSICAS PARA APRESENTAÇÃO FORMAL DE TRABALHOS

REGRAS BÁSICAS PARA APRESENTAÇÃO FORMAL DE TRABALHOS F A C UL DA DE DE P R E S I DE N T E V E N C E S L A U REGRAS BÁSICAS PARA APRESENTAÇÃO FORMAL DE TRABALHOS APRESENTAÇÃO GRÁFICA - CONFIGURAÇÃO DAS MARGENS Ir ao menu Arquivo, escolher a opção Configurar

Leia mais

Manual para Elaboração Trabalhos Acadêmicos Conforme a NBR 14724:2005

Manual para Elaboração Trabalhos Acadêmicos Conforme a NBR 14724:2005 Manual para Elaboração Trabalhos Acadêmicos Conforme a NBR 14724:2005 Produzido pelos bibliotecários da Rede de Bibliotecas do Senac/RS com a finalidade de orientar os usuários na elaboração de seus trabalhos

Leia mais

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA MESTRADO PROFISSIONAL EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA APRESENTAÇÃO NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS ACADÊMICOS O trabalho deve ser digitado e impresso em papel

Leia mais

NORMAS PARA A ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA APRESENTADA NO FINAL DO CURSO

NORMAS PARA A ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA APRESENTADA NO FINAL DO CURSO U N I V E R S I D A D E F E D E R A L D E O U R O P R E T O - U F O P ESCOLA DE MINAS EM C O L E G I A D O C U R S O E N G E N H A R I A D E C O N T R O L E E A U T O M A Ç Ã O ( C E C A U ) NORMAS PARA

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA OU DO TRABALHO CIENTIFICO

INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA OU DO TRABALHO CIENTIFICO 39 INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DA MONOGRAFIA OU DO TRABALHO CIENTIFICO 1. MONOGRAFIA Monografias são exposições de um problema ou assunto específico, investigado cientificamente, assim, não exige originalidade,

Leia mais

PIM III. Projeto Integrado Multidisciplinar

PIM III. Projeto Integrado Multidisciplinar PIM III Projeto Integrado Multidisciplinar PIM III - PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR TEMA: Descrição e análise de práticas de gestão em empresas hospitalares de médio porte. OBS: O Projeto deverá ser

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MINAS GERAIS Campus de Belo Horizonte Faculdade de Educação ORIENTAÇÕES GERAIS PARA NORMALIZAÇÃO DA MONOGRAFIA

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MINAS GERAIS Campus de Belo Horizonte Faculdade de Educação ORIENTAÇÕES GERAIS PARA NORMALIZAÇÃO DA MONOGRAFIA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MINAS GERAIS Campus de Belo Horizonte Faculdade de Educação ORIENTAÇÕES GERAIS PARA NORMALIZAÇÃO DA MONOGRAFIA 2014 UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MINAS GERAIS Campus de Belo Horizonte

Leia mais

ANEXO B - Sugestão para elaboração de Artigo Cientifico.

ANEXO B - Sugestão para elaboração de Artigo Cientifico. CABEÇALHO: Fonte: fonte 12, letras maiúsculas, negrito, espaço 1,5. NOME DO AUTOR (A). CENTRO DE ENSINO SUPERIOR E DESENVOLVIMENTO FACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAS APLICADAS CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM AUDITÓRIA

Leia mais

Manual de Trabalho de Conclusão de Curso

Manual de Trabalho de Conclusão de Curso CENTRO DE TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO Manual de Trabalho de Conclusão de Curso Curso de Engenharia de Produção NATAL RN 2010 Apresentação O curso de Engenharia de Produção institui

Leia mais

4 ESTRUTURA E APRESENTAÇÃO DE ARTIGO CIENTÍFICO

4 ESTRUTURA E APRESENTAÇÃO DE ARTIGO CIENTÍFICO 4 ESTRUTURA E APRESENTAÇÃO DE ARTIGO CIENTÍFICO Este capítulo visa a orientar a elaboração de artigos científicos para os cursos de graduação e de pós-graduação da FSG. Conforme a NBR 6022 (2003, p. 2),

Leia mais

GUIA PARA EDIÇÃO DE DISSERTAÇÃO, QUALIFICAÇÃO E OUTROS TRABALHOS NO PROGRAMA DE PÓS- GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM CIÊNCIAS MOLECULARES

GUIA PARA EDIÇÃO DE DISSERTAÇÃO, QUALIFICAÇÃO E OUTROS TRABALHOS NO PROGRAMA DE PÓS- GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM CIÊNCIAS MOLECULARES UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLÓGICAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM CIÊNCIAS MOLECULARES GUIA PARA EDIÇÃO DE DISSERTAÇÃO, QUALIFICAÇÃO E OUTROS

Leia mais

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO

COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO 1 Modelo de Artigo de periódico baseado na NBR 6022, 2003. Título do artigo, centralizado. COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO Andersown Becher Paes de Barros * Ideraldo Bonafé ** RESUMO Este trabalho apresenta

Leia mais

O que você deverá saber. Ao final do estudo do Tópico 2 você deverá:

O que você deverá saber. Ao final do estudo do Tópico 2 você deverá: Tópico 2 Trabalhos acadêmicos: monografias, dissertações, teses e memoriais n. O que você deverá saber Ao final do estudo do Tópico 2 você deverá: - saber identificar cada tipo de trabalho acadêmico, bem

Leia mais

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DE POUSO ALEGRE MANUAL DE RELATÓRIO CIENTÍFICO (MRC) (GRADUAÇÃO)

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DE POUSO ALEGRE MANUAL DE RELATÓRIO CIENTÍFICO (MRC) (GRADUAÇÃO) INSTITUTO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DE POUSO ALEGRE MANUAL DE RELATÓRIO CIENTÍFICO (MRC) (GRADUAÇÃO) O RELATÓRIO CIENTÍFICO 1. CONCEITO DE RELATÓRIO Exposição escrita na qual se descrevem fatos verificados

Leia mais

MANUAL PARA A ELABORAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISAS (PADRÃO UDF)

MANUAL PARA A ELABORAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISAS (PADRÃO UDF) (Publicações da Biblioteca; 4) ORGANIZAÇÃO Weber Vasconcellos Gomes Maria Consuelene Marques Maurinete dos Santos MANUAL PARA A ELABORAÇÃO DE PROJETO DE PESQUISAS (PADRÃO UDF) 3ª edição Revisto e atualizado

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE CIÊNCIAS BÁSICAS DA SAÚDE PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MICROBIOLOGIA AGRÍCOLA E DO AMBIENTE

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE CIÊNCIAS BÁSICAS DA SAÚDE PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MICROBIOLOGIA AGRÍCOLA E DO AMBIENTE UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE CIÊNCIAS BÁSICAS DA SAÚDE PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MICROBIOLOGIA AGRÍCOLA E DO AMBIENTE Comissão Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em

Leia mais

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO -TCC

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO -TCC UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL INSTITUTO DE QUÍMICA NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO -TCC 1 APRESENTAÇÃO As recomendações a seguir resumem os princípios para a elaboração

Leia mais

Guia de Orientação para Apresentação de Projeto de Pesquisa para Alunos da FCC de acordo com as Normas da ABNT

Guia de Orientação para Apresentação de Projeto de Pesquisa para Alunos da FCC de acordo com as Normas da ABNT FACULDADE CRISTÃ DE CURITIBA Guia de Orientação para Apresentação de Projeto de Pesquisa para Alunos da FCC de acordo com as Normas da ABNT Elaborado pela bibliotecária Teresinha Teterycz - CRB 9 / 1171

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA FORMATAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE

INSTRUÇÕES PARA FORMATAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE 1 INSTRUÇÕES PARA FORMATAÇÃO DE TESES E DISSERTAÇÕES DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE INSTRUÇÕES GERAIS: papel branco A4, fonte Arial tamanho 12, com espaçamento de 1,5 cm entre as linhas,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ABC. Título

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ABC. Título UNIVERSIDADE FEDERAL DO ABC CENTRO DE CIÊNCIAS NATURAIS E HUMANAS Programa de Pós-Graduação em Biotecnociência Título Santo André dd/mm/aaaa Normas para Dissertações Mestrado em Biotecnociência - UFABC.

Leia mais

MANUAL PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO

MANUAL PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO MANUAL PARA ELABORAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO FLORIANO/ 2013 É importante enfatizar que as regras constantes neste manual para a apresentação do projeto de TCC e para a apresentação do próprio

Leia mais

Como fazer uma MONOGRAFIA

Como fazer uma MONOGRAFIA Como fazer uma MONOGRAFIA 1 MONOGRAFIA JURÍDICA Tipos de um mesmo gênero: paper, TCC, Monografia de Especialização, Dissertação de Mestrado e Tese Doutoral. A Monografia de especialização: expectativas,

Leia mais

ESTRUTURA DO TRABALHO ACADÊMICO. Dissertações, Teses e Trabalhos de Conclusão de Curso de Graduação, Especialização e outros.

ESTRUTURA DO TRABALHO ACADÊMICO. Dissertações, Teses e Trabalhos de Conclusão de Curso de Graduação, Especialização e outros. ESTRUTURA DO TRABALHO ACADÊMICO Dissertações, Teses e Trabalhos de Conclusão de Curso de Graduação, Especialização e outros. Estrutura Elementos Parte externa Capa (obrigatório) Lombada (opcional) Parte

Leia mais

FACULDADE PAN AMAZÔNICA CURSOS SUPERIORES DE TECNOLOGIA. MANUAL ESPECÍFICO Projeto Integrado Multidisciplinar I PIM I

FACULDADE PAN AMAZÔNICA CURSOS SUPERIORES DE TECNOLOGIA. MANUAL ESPECÍFICO Projeto Integrado Multidisciplinar I PIM I FACULDADE PAN AMAZÔNICA CURSOS SUPERIORES DE TECNOLOGIA MANUAL ESPECÍFICO Projeto Integrado Multidisciplinar I PIM I Este manual atende todos os cursos de gestão 1º semestre, turmas ingressantes em fevereiro

Leia mais

Normalização de trabalhos acadêmicos para apresentação. Estrutura do trabalho acadêmico NBR 14724/2005

Normalização de trabalhos acadêmicos para apresentação. Estrutura do trabalho acadêmico NBR 14724/2005 Normalização de trabalhos acadêmicos para apresentação Estrutura do trabalho acadêmico NBR 14724/2005 Estrutura do trabalho Acadêmico: teses, dissertações, monografias, etc. Elementos: 1 Pré-textual 2

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO Centro de Ciências Humanas e Sociais CCHS Programa de Pós-Graduação em Educação Mestrado

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO Centro de Ciências Humanas e Sociais CCHS Programa de Pós-Graduação em Educação Mestrado UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO Centro de Ciências Humanas e Sociais CCHS Programa de Pós-Graduação em Educação Mestrado MANUAL DE DEFESA Exame de Qualificação: banca examinadora

Leia mais

ANEXO IV RELATO DE EXPERIÊNCIA TÍTULO DO TRABALHO

ANEXO IV RELATO DE EXPERIÊNCIA TÍTULO DO TRABALHO ANEXO IV RELATO DE EXPERIÊNCIA TÍTULO DO TRABALHO Nome Sobrenome 1 Nome Sobrenome 2 RESUMO Este trabalho apresenta os elementos que constituem a estrutura do relato de experiência para o programa de apoio

Leia mais