MUNICÍPIO DE ALVINÓPOLIS/MG PROCESSO SELETIVO Nº 001/2014

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "MUNICÍPIO DE ALVINÓPOLIS/MG PROCESSO SELETIVO Nº 001/2014"

Transcrição

1 MUNICÍPIO DE ALVINÓPOLIS/MG PROCESSO SELETIVO Nº 001/2014 Dentista - PSB Manhã Organizadora:

2 CARGO: DENTISTA PSB Texto Tentação Ela estava com soluço. E como se não bastasse a claridade das duas horas, ela era ruiva. Na rua vazia as pedras vibravam de calor a cabeça da menina flamejava. Sentada nos degraus de sua casa, ela suportava. Ninguém na rua, só uma pessoa esperando inutilmente no ponto do bonde. E como se não bastasse seu olhar submisso e paciente, o soluço a interrompia de momento a momento, abalando o queixo que se apoiava conformado na mão. Que fazer de uma menina ruiva com soluço? Olhamo nos sem palavras, desalento contra desalento. Na rua deserta nenhum sinal de bonde. Numa terra de morenos, ser ruivo era uma revolta involuntária. Que importava se num dia futuro sua marca ia fazê la erguer insolente uma cabeça de mulher? Por enquanto ela estava sentada num degrau faiscante da porta, às duas horas. O que a salvava era uma bolsa velha de senhora, com alça partida. Segurava a com um amor conjugal já habituado, apertando a contra os joelhos. Foi quando se aproximou a sua outra metade neste mundo, um irmão em Grajaú. A possibilidade de comunicação surgiu no ângulo quente da esquina, acompanhando uma senhora, e encarnada na figura de um cão. Era um basset lindo e miserável, doce sob a sua fatalidade. Era um basset ruivo. Lá vinha ele trotando, à frente de sua dona, arrastando seu comprimento. Desprevenido, acostumado, cachorro. A menina abriu os olhos pasmada. Suavemente avisado, o cachorro estacou diante dela. Sua língua vibrava. Ambos se olhavam. Entre tantos seres que estão prontos para se tornarem donos de outro ser, lá estava a menina que viera ao mundo para ter aquele cachorro. Ele fremia suavemente, sem latir. Ela olhava o sob os cabelos, fascinada, séria. Quanto tempo se passava? Um grande soluço sacudiu a desafinado. Ele nem sequer tremeu. Também ela passou por cima do soluço e continuou a fitá lo. Os pelos de ambos eram curtos, vermelhos. Que foi que se disseram? Não se sabe. Sabe se apenas que se comunicaram rapidamente, pois não havia tempo. Sabe se também que sem falar eles se pediam. Pediam se com urgência, com encabulamento, surpreendidos. No meio de tanta vaga impossibilidade e de tanto sol, ali estava a solução para a criança vermelha. E no meio de tantas ruas a serem trotadas, de tantos cães maiores, de tantos esgotos secos lá estava uma menina, como se fora carne de sua ruiva carne. Eles se fitavam profundos, entregues, ausentes de Grajaú. Mais um instante e o suspenso sonho se quebraria, cedendo talvez à gravidade com que se pediam. Mas ambos eram comprometidos. Ela com sua infância impossível, o centro da inocência que só se abriria quando ela fosse uma mulher. Ele, com sua natureza aprisionada. A dona esperava impaciente sob o guarda sol. O basset ruivo afinal despregou se da menina e saiu sonâmbulo. Ela ficou espantada, com o acontecimento nas mãos, numa mudez que nem pai nem mãe compreenderiam. Acompanhou o com olhos pretos que mal acreditavam, debruçada sobre a bolsa e os joelhos, até vê lo dobrar a outra esquina. Mas ele foi mais forte que ela. Nem uma só vez olhou para trás. (LISPECTOR, Clarice. Felicidade Clandestina: contos. Rio de Janeiro: Rocco, Adaptado.) 01 O tema central do texto lido é A) o calor. B) a solidão. C) a infância. D) o silêncio. E) a amizade. 02 No texto, os dois protagonistas, em determinado momento, se olham num silêncio tão intenso que tudo à volta deles se apaga. Assinale a alternativa que explicita essa ação. A) Ele fremia suavemente, sem latir. Ela olhava o sob os cabelos, fascinada, séria. (6º ) B) A menina abriu os olhos pasmada. Suavemente avisado, o cachorro estacou diante dela. (5º ) C) Que foi que se disseram? Não se sabe. Sabe se apenas que se comunicaram rapidamente, pois não havia tempo. (8º ) D)... lá estava uma menina, como se fora carne de sua ruiva carne. Eles se fitavam profundos, entregues, ausentes de Grajaú. (9º ) E) Ela com sua infância impossível, o centro da inocência que só se abriria quando ela fosse uma mulher. Ele, com sua natureza aprisionada. (11º ) 2

3 03 Observe as frases seguintes ia fazê la erguer insolente uma cabeça de mulher? (2º ) 2. A menina abriu os olhos pasmada. (5º ) 3. Ele fremia suavemente, sem latir. (6º ) Assinale a alternativa que apresenta os sinônimos mais adequados, respectivamente, para as palavras sublinhadas. A) Insólita, apalermada e bramia. D) Atrevida, espantada e estremecia. B) Arrogante, irresoluta e movia se. E) Petulante, assombrada e provocava. C) Inconveniente, parva e ondulava. 04 Assinale a passagem do texto que apresenta uma contradição. A) A dona esperava impaciente sob o guarda sol. (12º ) B) Ela olhava o sob os cabelos, fascinada, séria. Quanto tempo se passava? (6º ) C) Lá vinha ele trotando, à frente de sua dona, arrastando seu comprimento. (4º ) D) Na rua vazia as pedras vibravam de calor a cabeça da menina flamejava. (2º ) E) Ninguém na rua, só uma pessoa esperando inutilmente no ponto do bonde. (2º ) 05 Em... cedendo talvez à gravidade com que se pediam. (9º ), o acento indicativo da crase resulta da união de uma preposição com um artigo; é correto afirmar que o mesmo ocorre em A) às duas horas. D) A menina se dirigiu àquela praça. B) à frente de sua dona E) A mulher estava à procura de seu cachorro. C) Ele se referiu à menina ruiva. 06 Embora não apareça de forma efetiva, o narrador se deixa mostrar em uma das passagens do texto. Assinale a alternativa em que se percebe a presença do narrador. A) Foi quando se aproximou a sua outra metade neste mundo, um irmão em Grajaú. (3º ) B) Ele nem sequer tremeu. Também ela passou por cima do soluço e continuou a fitá lo. (6º ) C) Ela estava com soluço. E como se não bastasse a claridade das duas horas, ela era ruiva. (1º ) D) Olhamo nos sem palavras, desalento contra desalento. Na rua deserta nenhum sinal de bonde. (2º ) E) E como se não bastasse seu olhar submisso e paciente, o soluço a interrompia de momento a momento (2º ) 07 O termo destacado em... a menina que viera ao mundo para ter aquele cachorro. (6º ), sem mudar o sentido da frase, pode ser substituído por A) veio. B) vinha. C) terá vindo. D) teria vindo. E) tinha vindo. 08 O valor gramatical do vocábulo que, na frase... abalando o queixo que se apoiava conformado na mão. (2º ) é o mesmo apresentado na alternativa A) Que foi que se disseram? (8º ) B) Sabe se apenas que se comunicaram (8º ) C)... olhos pretos que mal acreditavam,... (12º ) D) Que fazer de uma menina ruiva com soluço? (2º ) E) Sabe se também que sem falar eles se pediam. (8º ) 09 No excerto... O soluço a interrompia de momento a momento, abalando o queixo que se apoiava conformado na mão. (2º ), observa se uma figura de linguagem denominada A) anáfora. B) perífrase. C) anacoluto. D) metonímia. E) prosopopeia. 3

4 10 Em O que a salvava era uma bolsa velha de senhora, com alça partida. Segurava a com um amor conjugal já habituado, apertando a contra os joelhos. (2º ), as palavras sublinhadas na frase anterior retomam, respectivamente, os termos A) ela, bolsa e bolsa. D) bolsa, bolsa e senhora. B) mulher, ela e bolsa. E) senhora, bolsa e menina. C) ela, bolsa e menina. SAÚDE PÚBLICA 11 A taxa bruta de natalidade é caracterizada como o número de nascidos vivos, por mil habitantes, na população residente em determinado espaço geográfico, no ano considerado. Assinale a alternativa INCORRETA acerca da taxa bruta de natalidade. A) Analisa variações geográficas e temporais da natalidade. B) Não é influenciada pela estrutura da população quanto a idade e sexo. C) Expressa a intensidade com a qual a natalidade atua sobre uma determinada população. D) Em geral, as taxas elevadas estão associadas a condições sócio econômicas precárias e a aspectos culturais da população. E) Possibilita o cálculo do crescimento vegetativo ou natural da população, subtraindo se da taxa bruta de natalidade a taxa bruta de mortalidade. 12 A noção de integralidade diz respeito ao conjunto de ações possíveis para a promoção da saúde, prevenção de riscos e agravos e assistência a doentes, implicando a sistematização do conjunto de práticas que vêm sendo desenvolvidas para o enfrentamento dos problemas e o atendimento das necessidades de saúde. Marque a alternativa INCORRETA acerca da integralidade. A) Considera cada pessoa como um todo indivisível e integrante de uma comunidade. B) As ações de promoção, proteção e recuperação da saúde formam também um todo indivisível e não podem ser compartimentalizadas. C) Todo cidadão é igual perante o SUS e será atendido igualmente aos demais independente das suas necessidades até o limite do que o sistema puder oferecer para todos. D) As unidades prestadoras de serviço, com seus diversos graus de complexidade, formam um todo indivisível configurando um sistema capaz de prestar assistência integral. E) O homem é um ser integral, biopsicossocial, e deverá ser atendido com esta visão integral por um sistema de saúde também integral, voltado a promover, proteger e recuperar sua saúde. 13 Instâncias colegiadas, de caráter consultivo, que possibilitam o exercício do controle social no âmbito do poder executivo, tendo como objetivo avaliar a situação de saúde e propor as diretrizes da política de saúde em cada nível de governo, constituindo se no mais importante fórum de participação ampla da população. Trata se de: A) Sindicato popular. D) Secretaria de Saúde Estadual. B) Conselho de Saúde. E) Secretaria de Saúde Municipal. C) Conferência de Saúde. 14 A é entendida como uma redistribuição das responsabilidades quanto às ações e serviços de saúde entre os vários níveis de governo, a partir da ideia de que quanto mais perto do fato a decisão for tomada, mais chance haverá de acerto. Assim, o que é abrangência de um município deve ser de responsabilidade do governo municipal; o que abrange um estado ou uma região estadual deve estar sob responsabilidade do governo estadual; e, o que for de abrangência nacional será de responsabilidade federal. Assinale a alternativa que completa corretamente a afirmativa anterior. A) resolubilidade D) descentralização B) regionalização E) participação popular C) hierarquização 4

5 15 O SIM (Sistema de Informação sobre Mortalidade) é o mais antigo sistema de informação de saúde no país. Foi instituído pelo Ministério da Saúde em 1975 e dispõe de dados consolidados nacionalmente a partir de Sua implementação é realizada com apoio do Centro Brasileiro de Classificação de Doenças (CBCD), sediado na Faculdade de Saúde Pública da USP, que atua como referência nacional para informações sobre mortalidade. Assinale a alternativa INCORRETA acerca do SIM. A) O documento básico é a declaração de óbito (DO). B) As DO são coletadas pelas secretarias estaduais ou municipais de saúde. C) A DO é padronizada nacionalmente e distribuída pelo Ministério da Saúde em três vias. D) A DO é indispensável para o fornecimento da certidão de óbito em cartório de registro civil. E) A DO deve ser preenchida pelo médico; nos locais sem médico, o preenchimento deve ser feito por outro profissional da saúde. 16 O Sistema Único de Saúde (SUS), criado no Brasil em 1988 com a promulgação da nova Constituição Federal, tornou o acesso gratuito à saúde direito de todo cidadão. A implantação do SUS unificou o sistema, pois antes de 1988, a saúde era responsabilidade de vários ministérios e descentralizou sua gestão. Ela deixou de ser exclusiva do Poder Executivo Federal e passou a ser administrada por estados e municípios. Assinale a alternativa INCORRETA acerca do SUS. A) Tanto os Conselhos quanto as Conferências de Saúde são instâncias de controle social do SUS. B) Controle social significa que os diversos estratos da sociedade, através de seus representantes, têm o direito de controlar o funcionamento do SUS. C) Integralidade significa que o SUS deve realizar ações de prevenção, promoção e recuperação da saúde e garantir o acesso a todos os níveis de assistência. D) Equidade significa que todo cidadão deve ser tratado igualmente pelo SUS, independente de sua condição econômica, de classe social, credo, cor e condição de vida, em geral. E) Universalidade significa que todos têm o direito de serem atendidos pelo SUS, independente de sua condição econômica, classe social, credo, cor e condição de vida em geral. 17 Doenças com elevada frequência que afetam grandes contingentes populacionais, que se traduzem pela incidência, prevalência, mortalidade e anos potenciais de vida perdidos. Assinale a alternativa que corresponde corretamente ao critério de seleção para notificação de doenças caracterizado anteriormente. A) Endemia. D) Vulnerabilidade. B) Magnitude. E) Compromissos internacionais. C) Transcendência. 18 O Sistema Único de Saúde (SUS) pode ser entendido a partir da seguinte imagem: um núcleo comum (único) que concentra os princípios doutrinários e uma forma de organização e operacionalização os princípios organizativos. A construção do SUS norteia se, baseada nos seus preceitos constitucionais. Qual princípio rege a organização dos serviços de saúde por níveis de complexidade da assistência? A) Integralidade. D) Universalidade. B) Regionalização. E) Descentralização. C) Hierarquização. 19 Ocorrência em uma comunidade ou região de casos de natureza semelhante, claramente excessiva em relação ao esperado. O conceito operativo usado na epidemiologia é uma alteração, espacial e cronologicamente delimitada, do estado de saúde doença de uma população, caracterizada por uma elevação inesperada e descontrolada dos coeficientes de incidência de determinada doença, ultrapassando valores do limiar preestabelecido para aquela circunstância e doença. A afirmativa anterior caracteriza: A) Endemia. D) Casos isolados. B) Epidemia. E) Caso sentinela. C) Pandemia. 5

6 20 Indicador de saúde conceituado como: número de óbitos de menores de um ano de idade por mil nascidos vivos na população residente em determinado espaço geográfico no ano considerado. Trata se da taxa de mortalidade A) infantil. D) neonatal tardia. B) perinatal. E) neonatal precoce. C) puerperal. CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS 21 A mordida pode ser conceituada como uma inversão na relação vestibulolingual normal entre os dentes posteriores, originária do estreitamento ou atresia do arco superior. Assinale a alternativa que completa corretamente a afirmativa anterior. A) normal D) cruzada posterior B) cruzada anterior E) cruzada anteroposterior C) aberta posterior 22 As resinas acrílicas ativadas quimicamente apresentam várias indicações de uso em odontologia. Dentre as diversas fases do processo de polimerização desse material, qual é a fase ideal para se trabalhar? A) Rígida. B) Plástica. C) Arenosa. D) Pegajosa. E) Borrachoide. 23 Além do conhecimento sobre a realização e interpretação de radiografias é necessário que o profissional também domine alguns fatores relacionados à produção dos raios x. É correto afirmar que a barreira metálica com abertura no meio, utilizada para reduzir o tamanho do feixe de raios x, trata se de A) tubo. B) filtro. C) ânodo. D) cátodo. E) colimador. 24 Sobre a angina de Ludwig, uma celulite infecciosa de rápida evolução, marque a alternativa correta. A) Não evolui para o lado oposto. B) Tem seu início no espaço submaxilar. C) Não atinge o espaço submentual e sublingual. D) Na maior parte dos casos, não é de origem odontogênica. E) Observa se rápido aumento de volume com deslocamento póstero superior da língua. 25 Para que o profissional de odontologia possa exercer sua profissão é necessário o registro no Conselho Regional de Odontologia. No caso de o cirurgião dentista exercer sua atividade profissional na jurisdição de outro Conselho Regional (em outro estado), além do território a que se acha vinculado pela inscrição principal ou provisória, e exceder o prazo de 90 dias consecutivos de exercício profissional, deve ser requerido um outro tipo de inscrição no conselho. Trata se da inscrição A) remida. D) temporária. B) ex officio. E) por transferência. C) secundária. 26 Sobre o processo fisiológico, pelo qual os dentes decíduos são eliminados para cederem lugar à dentição permanente denominado esfoliação, marque a alternativa correta. A) A reabsorção radicular fisiológica é um processo contínuo. B) A rizólise dos decíduos é processada pelos odontoblastos. C) A sobrecarga oclusal não provoca reabsorção radicular nos decíduos. D) Nos dentes decíduos anteriores, a rizólise se inicia por vestibular na região apical. E) A apoptose é um mecanismo importante na eliminação na polpa durante a reabsorção fisiológica dos decíduos. 6

7 27 O adenoma é o tumor de maior ocorrência entre os tumores das glândulas salivares. Diante do exposto, analise. I. Sua localização mais comum é na glândula submandibular. II. É indolor e, em geral, autolimitado. III. A tomografia computadorizada é útil para auxiliar o diagnóstico. IV. O prognóstico é favorável, porém com recidiva frequente. Estão corretas apenas as afirmativas A) I e II. B) I e IV. C) II e IV. D) II e III. E) III e IV. 28 Os cimentos de ionômero de vidro têm sido muito utilizados na dentição decídua por apresentarem algumas propriedades que facilitam sua aplicação em crianças. Qual das propriedades dos ionômeros citadas a seguir está INCORRETA? A) Biocompatibilidade. D) Expansão térmica e similar à estrutura dentinária. B) Liberação e recarga de íons flúor. E) Maior sensibilidade à umidade que os compósitos. C) Adesão química ao esmalte e dentina. 29 Existem fatores que interferem e podem interromper ou reverter o progresso das lesões de cárie. É correto afirmar que a(o)s A) clorexidina é efetiva na prevenção das lesões de cárie. B) selantes não são indicados para dentes com anatomia oclusal retentiva. C) volume e a quantidade de saliva não interferem na efetividade de regular o ph. D) mudança de hábitos é eficaz para a prevenção e remineralização das lesões de cárie. E) flúor não interfere no ciclo de desmineralização e remineralização do esmalte e dentina. 30 A farmacologia é o estudo das drogas e medicamentos que interagem com os organismos vivos. O é um produto farmacêutico tecnicamente obtido ou elaborado com finalidade profilática, curativa, paliativa, ou para fins de diagnóstico. Assinale a alternativa que completa corretamente a afirmativa anterior. A) tóxico B) remédio C) fármaco D) medicamento E) princípio ativo CONHECIMENTOS GERAIS O texto abaixo contextualiza o tema tratado nas questões de 31 a 33. Leia o atentamente. O ex analista da Agência Nacional de Segurança (NSA) dos Estados Unidos, Edward Snowden, recebeu permissão de residência por três anos na Rússia por parte do governo local, informou seu advogado nesta quinta feira (7). A decisão sobre a solicitação foi tomada e a partir de 1º de agosto de Edward Snowden recebeu uma permissão de residência de três anos, disse Anatoly Kucherena. Esta nova autorização permitirá que ele viaje ao exterior, explicou. No futuro, o próprio Edward tomará a decisão sobre se ficará e buscará cidadania russa ou irá para os Estados Unidos. (Disponível em: recebe permissao de residencia por 3 anos na russia.html, em 07/08/2014 às 13h12.) 31 O ex técnico da NSA Edward Snowden, de 29 anos, é acusado de espionagem por vazar informações sigilosas de segurança dos Estados Unidos e revelar em detalhes alguns dos programas de vigilância que o país usa para espionar a população americana e vários países da Europa e da América Latina, entre eles, o Brasil, onde ficou comprovado por documentos que: I. Uma estação de espionagem da NSA funcionou em Brasília pelo menos até II. A presidente Dilma Rousseff, e os seus principais assessores, foram alvos da NSA. III. As principais empresas mineradoras do país, como a Valle, foram monitoradas em suas atividades na Amazônia. É correto o que se afirma completamente em A) I, II e III. B) I, apenas. C) II, apenas. D) III, apenas. E) I e II, apenas. 7

8 32 São reações do governo brasileiro diante das denúncias de espionagem dos EUA para com o Brasil, EXCETO: A) Foi instalada no Senado Federal uma CPI para investigar denúncias de espionagem pelos Estados Unidos a e mails, telefonemas e dados digitais no Brasil. B) A presidente Dilma Rousseff cancelou uma visita de estado que faria aos EUA e pediu satisfações para Obama, tendo conversado com o presidente norte americano durante a cúpula do G 20. C) O Brasil cortou relações com os Estados Unidos estabelecendo diversas trocas de parcerias comerciais, dando mais enfoque à aquisição dos produtos oriundos dos países integrantes do BRICS. D) Os governos do Brasil e da Alemanha apresentaram juntos à Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU) uma proposta que prevê regras para garantir o direito à privacidade na era digital. E) Na 68ª Assembleia Geral das Nações Unidas em Nova York, a presidente Dilma Rousseff condenou as ações de espionagem dos Estados Unidos no Brasil afirmando que estas ações ferem o direito internacional e afrontam os princípios que regem a relação entre os países. 33 Logo no início do caso, antes de receber abrigo da Rússia, em meio às especulações sobre o destino de Edward Sowden, um avião presidencial foi impedido por Itália, Portugal, Espanha e França de aterrissar ou sobrevoar seus territórios devido à suspeita de que o ex técnico da NSA estivesse a bordo. O avião, com o presidente dentro, teve que pousar em Viena, e Snowden não foi achado na aeronave. O incidente ocorreu com o então presidente da Bolívia: A) Raúl Castro. D) Nicolás Maduro. B) Evo Morales. E) Cristina Kirchner. C) Dilma Rousseff. 34 Observe as charges abaixo. (Disponíveis em: e A peça jornalística ilustra uma crítica bem humorada a um grave problema enfrentado durante vários meses de 2014, com grande repercussão nacional, em algumas cidades, incluindo a capital, de que importante estado brasileiro? A) Pará. D) Minas Gerais. B) São Paulo. E) Rio Grande do Sul. C) Amazonas. 35 Candidato à presidência da República do Brasil nas eleições de 2014, Eduardo Campos faleceu tragicamente em um acidente de avião, em plena campanha eleitoral, interrompendo uma bem sucedida trajetória política que teve início em seu estado, Pernambuco. O político era neto de um dos mais respeitados e expressivos políticos brasileiros da região Nordeste. Trata se de: A) José Sarney. D) Teotônio Vilela. B) Miguel Arraes. E) Antônio Carlos Magalhães. C) Jader Barbalho. 8

9 36 Em 2014, o pesquisador carioca Artur Ávila Cordeiro de Melo trouxe grande orgulho aos brasileiros ao conquistar, de forma inédita ao país, a Medalha Fields, que é considerada por acadêmicos dos Estados Unidos e do Canadá o equivalente ao Prêmio Novel, numa das áreas mais complexas da educação no Brasil, que é a A) história. B) filosofia. C) biologia. D) geografia. E) matemática. O texto abaixo contextualiza o tema tratado nas questões 37 e 38. Leia o atentamente. Em votação simbólica, o plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) elegeu nesta quarta feira o ministro Ricardo Lewandowski para a presidência da Corte. Lewandowski ocupava a vice presidência do Supremo desde o início deste mês, devido à aposentadoria do ministro Joaquim Barbosa. Em rápido discurso, o novo presidente comprometeu se a honrar as tradições mais que seculares do STF e também a cumprir a consagrada liturgia desta casa de Justiça. (Disponível em: e eleito presidente do supremo tribunal federal, 9c53b782c90d7410VgnCLD200000b2bf46d0RCRD.html, em 13/08/2014, às 16h13.) 37 Os ministros do Supremo Tribunal Federal são nomeados pelo presidente da República. O carioca Ricardo Lewandowski, formado em direito pela Universidade de São Paulo (USP), foi nomeado para o STF pelo(a) presidente A) Itamar Franco. D) Fernando Collor de Mello. B) Dilma Rousseff. E) Fernando Henrique Cardoso. C) Luiz Inácio Lula da Silva. 38 O Supremo Tribunal Federal (STF) é o órgão máximo do poder judiciário brasileiro, considerado o guardião dos princípios básicos constitucionais que: I. É formado por 33 ministros nomeados pelo presidente da República com mandato temporário de 8 anos. II. Compete harmonizar as decisões tomadas pelos tribunais regionais federais e tribunais estaduais de segunda instância. III. Tem a responsabilidade de julgar, no âmbito penal, o presidente da República, os ministros de estado e membros do Congresso. É correto o que se afirma completamente em A) I, II e III. B) I, apenas. C) II, apenas. D) III, apenas. E) I e III, apenas. O texto abaixo contextualiza o tema tratado nas questões 39 e 40. Leia o atentamente. Ao longo de 38 quilômetros, dois blindados cortam Porto Príncipe, a capital do Haiti, com militares brasileiros. Equipados com capacetes azuis, coletes e fuzis, os soldados participam de uma patrulha noturna mecanizada, rotina da Minustah, a Missão das Nações Unidas para a Estabilização no Haiti. (Disponível em: dez anos no haiti brasil vive impasse 8874.html, em 11/08/2014, às 16h47.) 39 Criada para colaborar com a segurança interna do Haiti, a missão reúne mais de 8 mil soldados e policiais de diversos países, dos quais a grande maioria é de brasileiros, que recebem a denominação de A) guarda suíça. D) boinas vermelhas. B) exército da paz. E) soldados universais. C) capacetes azuis. 40 O Brasil assumiu a Missão em 2004, quando Luiz Inácio Lula da Silva era presidente da República e empreendia uma grande campanha internacional para que o Brasil se tornasse A) membro permanente do Conselho de Segurança da ONU. B) participante da direção geral do Conselho de Segurança da ONU. C) detentor da diretoria geral de uma das agências reguladoras da ONU. D) responsável pela mesa diretora das Organizações das Nações Unidas. E) integrante do G7 já que economicamente estava entre as sete maiores economias do mundo. 9

10

11

12 INSTRUÇÕES 1. Material a ser utilizado: caneta esferográfica de tinta azul ou preta. Os objetos restantes devem ser colocados em local indicado pelo fiscal da sala, inclusive aparelho celular desligado e devidamente identificado. 2. Não é permitida, durante a realização das provas, a utilização de máquinas calculadoras e/ou similares, livros, anotações, impressos ou qualquer outro material de consulta, protetor auricular, lápis, borracha ou corretivo. Especificamente, não é permitido que o candidato ingresse na sala de provas sem o devido recolhimento, com respectiva identificação, dos seguintes equipamentos: bip, telefone celular, walkman, agenda eletrônica, notebook, palmtop, ipad, ipod, tablet, smartphone, mp3, mp4, receptor, gravador, calculadora, câmera fotográfica, controle de alarme de carro, relógio de qualquer modelo etc. 3. Durante a prova, o candidato não deve levantar se, comunicar se com outros candidatos e fumar. 4. A duração da prova é de 03 (três) horas, já incluindo o tempo destinado à entrega do Caderno de Provas e à identificação que será feita no decorrer da prova e ao preenchimento do Cartão de Respostas (Gabarito). 5. Somente em caso de urgência pedir ao fiscal para ir ao sanitário, devendo no percurso permanecer absolutamente calado, podendo antes e depois da entrada sofrer revista através de detector de metais. Ao sair da sala no término da prova, o candidato não poderá utilizar o sanitário. Caso ocorra uma emergência, o fiscal deverá ser comunicado. 6. O Caderno de Provas consta de 40 (quarenta) questões de múltipla escolha. Leia o atentamente. 7. As questões das provas objetivas são do tipo múltipla escolha, com 05 (cinco) opções (A a E) e uma única resposta correta. 8. Ao receber o material de realização das provas, o candidato deverá conferir atentamente se o Caderno de Provas corresponde ao cargo a que está concorrendo, bem como se os dados constantes no Cartão de Respostas (Gabarito) que lhe foi fornecido estão corretos. Caso os dados estejam incorretos, ou o material esteja incompleto, ou tenha qualquer imperfeição, o candidato deverá informar tal ocorrência ao fiscal. 9. Os fiscais não estão autorizados a emitir opinião e prestar esclarecimentos sobre o conteúdo das provas. Cabe única e exclusivamente ao candidato interpretar e decidir. 10. O candidato poderá retirar se do local de provas somente a partir dos 90 (noventa) minutos após o início de sua realização, contudo, não poderá levar consigo o Caderno de Provas, sendo permitida essa conduta apenas no decurso dos últimos 30 (trinta) minutos anteriores ao horário previsto para o seu término. 11. Os 3 (três) últimos candidatos de cada sala somente poderão sair juntos. Caso o candidato insista em sair do local de aplicação das provas, deverá assinar um termo desistindo do Processo Seletivo e, caso se negue, deverá ser lavrado Termo de Ocorrência, testemunhado pelos 2 (dois) outros candidatos, pelo fiscal da sala e pelo Coordenador da Unidade. RESULTADOS E RECURSOS As provas aplicadas, assim como os gabaritos preliminares das provas objetivas serão divulgados na Internet, no endereço eletrônico a partir das 16h00min do dia subsequente ao da realização das provas. O candidato que desejar interpor recursos contra os gabaritos oficiais preliminares das provas objetivas disporá de 03 (três) dias úteis, a partir do dia subsequente à divulgação, em requerimento próprio disponibilizado no link correlato ao Processo Seletivo no endereço eletrônico A interposição de recursos poderá ser feita via Internet, através do Sistema Eletrônico de Interposição de Recursos, com acesso pelo candidato ao fornecer dados referentes à sua inscrição apenas no prazo recursal, ao IDECAN, conforme disposições contidas no endereço eletrônico no link correspondente ao Processo Seletivo.

MUNICÍPIO DE I ENA RO CONCUR O P ICO N

MUNICÍPIO DE I ENA RO CONCUR O P ICO N MUNICÍPIO DE I ENA RO CONCUR O P ICO N TARDE CARGO: MECÂNICO GERAL Texto I para responder às questões de 01 a 08. Manifestações no Brasil: quais as razões? O início das manifestações populares no Brasil,

Leia mais

SIMULADO 2ª FASE EXAME DE ORDEM DIREITO TRIBUTÁRIO CADERNO DE RASCUNHO

SIMULADO 2ª FASE EXAME DE ORDEM DIREITO TRIBUTÁRIO CADERNO DE RASCUNHO SIMULADO 2ª FASE EXAME DE ORDEM DIREITO TRIBUTÁRIO CADERNO DE RASCUNHO Leia com atenção as instruções a seguir: Você está recebendo do fiscal de sala, além deste caderno de rascunho contendo o enunciado

Leia mais

EDITAL Nº 008/2013 VESTIBULAR 2013/2 ENGENHARIA MECÂNICA - UCEFF FACULDADES

EDITAL Nº 008/2013 VESTIBULAR 2013/2 ENGENHARIA MECÂNICA - UCEFF FACULDADES EDITAL Nº 008/2013 VESTIBULAR 2013/2 ENGENHARIA MECÂNICA - UCEFF FACULDADES 1. ABERTURA A Faculdade de Empresarial de Chapecó mantida pela Unidade Central de Educação FAEM Faculdade Ltda UCEFF Faculdades,

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 2016. Programa de Treinamento Médico em Oftalmologia - DayHORC

PROCESSO SELETIVO 2016. Programa de Treinamento Médico em Oftalmologia - DayHORC PROCESSO SELETIVO 2016 Programa de Treinamento Médico em Oftalmologia - DayHORC O DayHORC, através de sua Comissão do Programa de Treinamento Médico em Oftalmologia (CPTMO/DayHORC), no uso de suas atribuições,

Leia mais

Edital do Processo Seletivo

Edital do Processo Seletivo Edital do Processo Seletivo EDITAL GERAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA O PROCESSO SELETIVO DO PRÉ UNIVERSITÁRIO MUNICIPAL 2016 A prefeitura municipal de São Mateus do Maranhão, por meio da secretaria

Leia mais

SIMULADO 2ª FASE EXAME DE ORDEM DIREITO EMPRESARIAL CADERNO DE RASCUNHO

SIMULADO 2ª FASE EXAME DE ORDEM DIREITO EMPRESARIAL CADERNO DE RASCUNHO SIMULADO 2ª FASE EXAME DE ORDEM DIREITO EMPRESARIAL CADERNO DE RASCUNHO Leia com atenção as instruções a seguir: Você está recebendo do fiscal de sala, além deste caderno de rascunho contendo o enunciado

Leia mais

REDE DE ENSINO LFG. Leia com atenção as instruções a seguir: A força do Direito deve superar o direito da força

REDE DE ENSINO LFG. Leia com atenção as instruções a seguir: A força do Direito deve superar o direito da força REDE DE ENSINO LFG Simulado Exame de Ordem 2010.3 Coordenação Pedagógica OAB Marco Antonio Araujo Junior Darlan Barroso Leia com atenção as instruções a seguir: 1. Você está recebendo do fiscal de sala,

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 2015 Manual do Candidato

PROCESSO SELETIVO 2015 Manual do Candidato PROCESSO SELETIVO 2015 Manual do Candidato O cursinho pré-vestibular comunitário VestJr O cursinho pré-vestibular VestJr surgiu em 2003 seguindo a ideia já em curso da política de implementação de cursinhos

Leia mais

PROVA PRÁTICO-PROFISSIONAL

PROVA PRÁTICO-PROFISSIONAL Ordem dos Advogados do Brasil V EXAME DE ORDEM UNIFICADO DIREITO EMPRESARIAL PROVA PRÁTICO-PROFISSIONAL Leia com atenção as instruções a seguir: Você está recebendo do fiscal de sala, além deste caderno

Leia mais

PROVA PRÁTICO-PROFISSIONAL

PROVA PRÁTICO-PROFISSIONAL Ordem dos Advogados do Brasil IV EXAME DE ORDEM UNIFICADO DIREITO EMPRESARIAL PROVA PRÁTICO-PROFISSIONAL Leia com atenção as instruções a seguir: Você está recebendo do fiscal de sala, além deste caderno

Leia mais

Resolução SE Nº 28/2014

Resolução SE Nº 28/2014 Resolução SE Nº 28/2014 Dispõe sobre o atendimento à demanda escolar do ensino médio, para o ano letivo de 2015, nas escolas da rede pública estadual, e dá providências correlatas O Secretário da Educação,

Leia mais

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE ALÉM PARAÍBA Credenciada pelo Decreto Federal nº 78709, de 10/11/1976, DOU DE 11/11/1976

FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE ALÉM PARAÍBA Credenciada pelo Decreto Federal nº 78709, de 10/11/1976, DOU DE 11/11/1976 FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE ALÉM PARAÍBA Credenciada pelo Decreto Federal nº 78709, de 10/11/1976, DOU DE 11/11/1976 EDITAL 2011 PROCESSO SELETIVO ISECC 2011 2º SEMESTRE 2 O Presidente da Fundação Educacional

Leia mais

PROVA PRÁTICO-PROFISSIONAL

PROVA PRÁTICO-PROFISSIONAL Ordem dos Advogados do Brasil VI EXAME DE ORDEM UNIFICADO DIREITO TRIBUTÁRIO PROVA PRÁTICO-PROFISSIONAL Leia com atenção as instruções a seguir: Você está recebendo do fiscal de sala, além deste caderno

Leia mais

CERTIFICAÇÃO PROFISSIONAL POR PROVA DE ADMINISTRADORES E TECNÓLOGOS EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS ÊNFASE RECURSOS HUMANOS MANUAL DO CANDIDATO

CERTIFICAÇÃO PROFISSIONAL POR PROVA DE ADMINISTRADORES E TECNÓLOGOS EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS ÊNFASE RECURSOS HUMANOS MANUAL DO CANDIDATO CERTIFICAÇÃO PROFISSIONAL POR PROVA DE ADMINISTRADORES E TECNÓLOGOS EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS ÊNFASE RECURSOS HUMANOS MANUAL DO CANDIDATO O presente Manual integra o conjunto de orientações voltadas

Leia mais

EDITAL DE CONVOCAÇÃO EDITAL 01 DE PROCESSO SELETIVO PARA RESIDÊNCIA MÉDICA/2012

EDITAL DE CONVOCAÇÃO EDITAL 01 DE PROCESSO SELETIVO PARA RESIDÊNCIA MÉDICA/2012 DIAGNÓSTICOS DA AMÉRICA S/A EDITAL DE CONVOCAÇÃO EDITAL 01 DE PROCESSO SELETIVO PARA RESIDÊNCIA MÉDICA/2012 A DIAGNÓSTICOS DA AMÉRICA S/A torna público através do presente EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA

Leia mais

REGULAMENTO PARA REVALIDAÇÃO DE DIPLOMA ESTRANGEIRO DE BACHAREL EM NUTRIÇÃO

REGULAMENTO PARA REVALIDAÇÃO DE DIPLOMA ESTRANGEIRO DE BACHAREL EM NUTRIÇÃO REGULAMENTO PARA REVALIDAÇÃO DE DIPLOMA ESTRANGEIRO DE BACHAREL EM NUTRIÇÃO A Comissão de Graduação em Nutrição (COMGRAD-NUT) da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, no uso

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BOM DESPACHO-MG PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL 001/2009 CARGO: ASSISTENTE SOCIAL CADERNO DE PROVAS

PREFEITURA MUNICIPAL DE BOM DESPACHO-MG PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL 001/2009 CARGO: ASSISTENTE SOCIAL CADERNO DE PROVAS CADERNO DE PROVAS 1 A prova terá a duração de duas horas, incluindo o tempo necessário para o preenchimento do gabarito. 2 Marque as respostas no caderno de provas, deixe para preencher o gabarito depois

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA DO ESTADO DE SÃO PAULO ATO EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO

CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA DO ESTADO DE SÃO PAULO ATO EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA DO ESTADO DE SÃO PAULO ATO EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO PROCESSO SELETIVO/CONCURSO PÚBLICO PARA CARGOS DE NÍVEIS MÉDIO E SUPERIOR EDITAL N 01/2015 - EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA

Leia mais

FACULDADE MERIDIONAL - IMED Escola de Direito. OLIMPÍADA JURÍDICA 2 a Edição

FACULDADE MERIDIONAL - IMED Escola de Direito. OLIMPÍADA JURÍDICA 2 a Edição FACULDADE MERIDIONAL - IMED Escola de Direito OLIMPÍADA JURÍDICA 2 a Edição REGULAMENTO A Faculdade Meridional IMED, através da Escola de Direito, NUJUR e Projeto de Monitoramento dos Resultados Obtidos

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO (VESTIBULAR) 2016.1 FACULDADE DE DESENVOLVIMENTO E INTEGRAÇÃO REGIONAL

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO (VESTIBULAR) 2016.1 FACULDADE DE DESENVOLVIMENTO E INTEGRAÇÃO REGIONAL EDITAL DO PROCESSO SELETIVO (VESTIBULAR) 2016.1 FACULDADE DE DESENVOLVIMENTO E INTEGRAÇÃO REGIONAL A FACULDADE DE DESENVOLVIMENTO E INTEGRAÇÃO REGIONAL FADIRE faz saber aos interessados que no período

Leia mais

Rua Moreira e Costa, 531 Ipiranga CEP 04266 010 São Paulo SP Tel.: (11) 3013 0320 Fax: (11) 3013 0366 www.sanfra.g12.

Rua Moreira e Costa, 531 Ipiranga CEP 04266 010 São Paulo SP Tel.: (11) 3013 0320 Fax: (11) 3013 0366 www.sanfra.g12. Rua Moreira e Costa, 531 Ipiranga CEP 04266 010 São Paulo SP Tel.: (11) 3013 0320 Fax: (11) 3013 0366 www.sanfra.g12.br M I S S Ã O O Colégio São Francisco Xavier, da Rede Jesuíta de Educação, tem como

Leia mais

Campanha Nacional de Escolas da Comunidade CNEC

Campanha Nacional de Escolas da Comunidade CNEC Campanha Nacional de Escolas da Comunidade CNEC Regulamento Geral do Provão Faculdade CNEC Unaí Unaí/MG RESOLUÇÃO Nº CS/010/2015, DE 30 DE JUNHO DE 2015. Entra em vigor em 1º de julho de 2015. 1 RESOLUÇÃO

Leia mais

Certificação Profissional de Análise e Aprovação de Crédito - CERT.FBB-200

Certificação Profissional de Análise e Aprovação de Crédito - CERT.FBB-200 MANUAL DE CANDIDATURA da Abril de 2012 Versão 2.0 A Federação Brasileira de Bancos FEBRABAN vem, neste Manual de Candidatura, divulgar as regras e informações necessárias para a realização dos exames pertinentes

Leia mais

EDITAL Nº 012/2014 VESTIBULAR AGENDADO 2015/1- UCEFF FACULDADES

EDITAL Nº 012/2014 VESTIBULAR AGENDADO 2015/1- UCEFF FACULDADES EDITAL Nº 012/2014 VESTIBULAR AGENDADO 2015/1- UCEFF FACULDADES 1. ABERTURA A Faculdade de Empresarial de Chapecó mantida pela Unidade Central de Educação FAEM Faculdade Ldta UCEFF Faculdades, de acordo

Leia mais

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE PROVAS

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE PROVAS EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE PROVAS No uso das atribuições legais, e mediantes as condições estipuladas nos Editais e Comunicados oficiais publicados no site www.selecao.uneb.br/dpe2012, CONVOCA os Candidatos

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 2010/1 EDITAL Nº 9 IFRS Campus Sertão, DE 09 DE OUTUBRO DE 2009

PROCESSO SELETIVO 2010/1 EDITAL Nº 9 IFRS Campus Sertão, DE 09 DE OUTUBRO DE 2009 Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul Campus PROCESSO SELETIVO 2010/1 EDITAL Nº 9 IFRS Campus,

Leia mais

PROVA UNIJUÍ. Locais de Realização da Prova Câmpus/Polo Ijuí, Câmpus Santa Rosa, Câmpus Panambi e Câmpus Três Passos.

PROVA UNIJUÍ. Locais de Realização da Prova Câmpus/Polo Ijuí, Câmpus Santa Rosa, Câmpus Panambi e Câmpus Três Passos. PROVA UNIJUÍ Data 08 de fevereiro de 2015 (domingo) Modalidades e Horários Cursos EaD Prova da Unijuí (Redação) Início às 8h30min e término às 11h30min. Cursos Presenciais Prova da Unijuí (Redação e 40

Leia mais

MANUAL DA CERTIFICAÇÃO POR PROVA PARA TÉCNICOS 2015

MANUAL DA CERTIFICAÇÃO POR PROVA PARA TÉCNICOS 2015 MANUAL DA CERTIFICAÇÃO POR PROVA PARA TÉCNICOS 2015 1 1. A Certificação por Prova é destinada a profissionais de Previdência Complementar Fechada que atuem na área de Contabilidade. IMPEDIMENTOS 2. O candidato

Leia mais

Provas agendadas/enem

Provas agendadas/enem Provas agendadas/enem Perguntas Frequentes: 1) Qual o período de inscrição? 28/09/2015 19/11/2015 2) Qual o valor da Inscrição? A taxa de inscrição é de R$ 30,00 (trinta reais), que será confirmada somente

Leia mais

EDITAL DO 1º PROCESSO SELETIVO(VESTIBULAR) 2014.1 FACULDADE DE DESENVOLVIMENTO E INTEGRAÇÃO REGIONAL

EDITAL DO 1º PROCESSO SELETIVO(VESTIBULAR) 2014.1 FACULDADE DE DESENVOLVIMENTO E INTEGRAÇÃO REGIONAL EDITAL DO 1º PROCESSO SELETIVO(VESTIBULAR) 2014.1 FACULDADE DE DESENVOLVIMENTO E INTEGRAÇÃO REGIONAL A FACULDADE DE DESENVOLVIMENTO E INTEGRAÇÃO REGIONAL FADIRE faz saber aos interessados que no período

Leia mais

1.1 A presente seleção tem por objetivo o provimento de bolsas de estudo para 1ª, 2ª e 3ª séries do Ensino Médio, no ano de 2016.

1.1 A presente seleção tem por objetivo o provimento de bolsas de estudo para 1ª, 2ª e 3ª séries do Ensino Médio, no ano de 2016. EDITAL Nº 01 Instituto LACOAN - 2015 PROCESSO SELETIVO PARA BOLSISTAS A Senhora Ângela Cristina de Carvalho Viana, Diretora do Instituto LACOAN, no uso das suas atribuições legais torna público o processo

Leia mais

EDITAL PARA INGRESSO E BOLSAS INTEGRAIS E PARCIAIS DE ESTUDO PARA O ENSINO MÉDIO DO ANO LETIVO DE 2015.

EDITAL PARA INGRESSO E BOLSAS INTEGRAIS E PARCIAIS DE ESTUDO PARA O ENSINO MÉDIO DO ANO LETIVO DE 2015. EDITAL PARA INGRESSO E BOLSAS INTEGRAIS E PARCIAIS DE ESTUDO PARA O ENSINO MÉDIO DO ANO LETIVO DE 2015. A Direção do COLÉGIO SOPHOS torna público o presente Edital, através de seu site oficial e em mural

Leia mais

SIMULADO 2ª FASE EXAME DE ORDEM DIREITO CIVIL CADERNO DE RASCUNHO

SIMULADO 2ª FASE EXAME DE ORDEM DIREITO CIVIL CADERNO DE RASCUNHO SIMULADO 2ª FASE EXAME DE ORDEM DIREITO CIVIL CADERNO DE RASCUNHO Leia com atenção as instruções a seguir: Você está recebendo do fiscal de sala, além deste caderno de rascunho contendo o enunciado da

Leia mais

SUS: princípios doutrinários e Lei Orgânica da Saúde

SUS: princípios doutrinários e Lei Orgânica da Saúde Universidade de Cuiabá - UNIC Núcleo de Disciplinas Integradas Disciplina: Formação Integral em Saúde SUS: princípios doutrinários e Lei Orgânica da Saúde Profª Andressa Menegaz SUS - Conceito Ações e

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 2016-1º SEMESTRE Nº 008/2015

PROCESSO SELETIVO 2016-1º SEMESTRE Nº 008/2015 PROCESSO SELETIVO 2016-1º SEMESTRE Nº 008/2015 O Diretor da NOVA FACULDADE, Pablo Fernandes Bittencourt, faz saber aos interessados que estão abertas as inscrições para o Processo Seletivo do 1º Semestre

Leia mais

PROJETO BRA/04/029. Seleciona CONSULTOR na modalidade PRODUTO* MAPEAMENTO DE

PROJETO BRA/04/029. Seleciona CONSULTOR na modalidade PRODUTO* MAPEAMENTO DE PROJETO BRA/04/029 Seleciona CONSULTOR na modalidade PRODUTO* MAPEAMENTO DE Os currículos deverão ser encaminhados para o endereço eletrônico seguranca.cidada@mj.gov.br até o dia 20 de dezembro de 2015.

Leia mais

Prefeitura Municipal de Leopoldina/MG CONCURSO PÚBLICO Nº 001/2016

Prefeitura Municipal de Leopoldina/MG CONCURSO PÚBLICO Nº 001/2016 0 067300 056335 Prefeitura Municipal de Leopoldina/MG CONCURSO PÚBLICO Nº 001/2016 Agente de Serviços Auxiliares (Limpeza predial, entrega de documentos e ronda e vigilância das dependências da Prefeitura)

Leia mais

PORTARIA NORMATIVA Nº 8, DE 14 DE MARÇO DE

PORTARIA NORMATIVA Nº 8, DE 14 DE MARÇO DE Ministério da Educação PORTARIA NORMATIVA Nº 8, DE 14 DE MARÇO DE 2014 O MINISTRO DE ESTADO DA EDUCAÇÃO, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo art. 87, parágrafo único, inciso II, da Constituição,

Leia mais

PROGRAMA JOVENS TALENTOS PARA A CIÊNCIA (PJT IC) ORIENTAÇÕES GERAIS

PROGRAMA JOVENS TALENTOS PARA A CIÊNCIA (PJT IC) ORIENTAÇÕES GERAIS PROGRAMA JOVENS TALENTOS PARA A CIÊNCIA (PJT IC) ORIENTAÇÕES GERAIS 1 - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1.1 O Programa Bolsa Jovens Talentos para a Ciência (PJT- IC) tem como objetivo proporcionar a formação

Leia mais

1º PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR FAENE 2013.2 EDITAL Nº 002/2013

1º PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR FAENE 2013.2 EDITAL Nº 002/2013 1 1º PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR FAENE 2013.2 EDITAL Nº 002/2013 A FACULDADE ESCOLA DE NEGÓCIOS EXCELLENCE FAENE torna pública a abertura de inscrições para o Processo Seletivo 2013.2 destinado a selecionar

Leia mais

PROCESSO SELETIVO EDITAL 23/2014

PROCESSO SELETIVO EDITAL 23/2014 PROCESSO SELETIVO EDITAL 23/2014 CARGO E UNIDADES: Odontólogo (Unidade Móvel) Atenção: NÃO ABRA este caderno antes do início da prova. Tempo total para resolução desta prova: 3 (três) horas. I N S T R

Leia mais

O presente processo terá validade para matrícula no primeiro semestre de 2015, através de ingresso por:

O presente processo terá validade para matrícula no primeiro semestre de 2015, através de ingresso por: EDITAL DE TRANSFERÊNCIA EXTERNA E PORTADORES DE DIPLOMA PARA 2015/1 Os Diretores Executivo e Técnico do SENAI CETIQT, no uso das atribuições que lhes conferem o Regimento Interno do SENAI CETIQT, tornam

Leia mais

1 - DAS INSCRIÇÕES. 1.4 Portadores de necessidades especiais:

1 - DAS INSCRIÇÕES. 1.4 Portadores de necessidades especiais: 1 - DAS INSCRIÇÕES Cursos de Arquitetura e Urbanismo noturno, Administração noturno, Administração vespertino, Biomedicina noturno, Ciências Biológicas Bacharelado noturno, Ciências Biológicas Licenciatura

Leia mais

Edital Processo Seletivo 2015/2

Edital Processo Seletivo 2015/2 Edital Processo Seletivo 2015/2 O Diretor Acadêmico da Faculdade de Direito de Contagem - FDCON, Prof. Dr. Luiz Moreira Gomes Júnior, faz saber aos interessados que, de acordo com o artigo 44, inciso II,

Leia mais

12. Assinale a opção correta a respeito da composição e do funcionamento das juntas eleitorais.

12. Assinale a opção correta a respeito da composição e do funcionamento das juntas eleitorais. TRE-MT ANALIS. JUD. ADM CESPE 9. Assinale a opção correta com relação aos órgãos da justiça eleitoral. a) A justiça eleitoral é composta pelo Tribunal Superior Eleitoral ( TSE ), pelo TRE, na capital de

Leia mais

CURSO PRÉ - VESTIBULAR COMUNITÁRIO SISTEMA DINAMUS Edital 01/2012 PROEX/SIMULADO ENEM 2012

CURSO PRÉ - VESTIBULAR COMUNITÁRIO SISTEMA DINAMUS Edital 01/2012 PROEX/SIMULADO ENEM 2012 UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS UFAL PRÓ-REITORIA DE EXTENSÁO PROEX PROGRAMA CONEXÕES DE SABERES CURSO PRÉ - VESTIBULAR COMUNITÁRIO SISTEMA DINAMUS Edital 01/2012 PROEX/SIMULADO ENEM 2012 A UNIVERSIDADE

Leia mais

O Responsável pelo candidato será notificado por e-mail, assim que a Instituição confirmar o recebimento da taxa.

O Responsável pelo candidato será notificado por e-mail, assim que a Instituição confirmar o recebimento da taxa. PROCESSO DE ADMISSÃO DE NOVOS ALUNOS COM IRMÃOS ATUALMENTE MATRICULADOS NO COLÉGIO E FILHOS DE MEMBROS DO CORPO DOCENTE DA INSTITUIÇÃO PARA O ANO LETIVO DE 2016 2º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL AO 3º ANO DO

Leia mais

SIMULADO 2ª FASE EXAME DE ORDEM DIREITO DO TRABALHO CADERNO DE RASCUNHO

SIMULADO 2ª FASE EXAME DE ORDEM DIREITO DO TRABALHO CADERNO DE RASCUNHO SIMULADO 2ª FASE EXAME DE ORDEM DIREITO DO TRABALHO CADERNO DE RASCUNHO Leia com atenção as instruções a seguir: Você está recebendo do fiscal de sala, além deste caderno de rascunho contendo o enunciado

Leia mais

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE DA FAMÍLIA

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE DA FAMÍLIA Universidade Estácio de Sá PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE DA FAMÍLIA E d i t a l d o E x a m e d e S e l e ç ã o 2 0 1 5 / 2 A Coordenação do Programa de Pós-Graduação em Saúde da Família, de acordo

Leia mais

Município da Estância Balneária de Ubatuba/SP CONCURSO PÚBLICO Nº 002/2014

Município da Estância Balneária de Ubatuba/SP CONCURSO PÚBLICO Nº 002/2014 0 053300 003899 Município da Estância Balneária de Ubatuba/SP CONCURSO PÚBLICO Nº 002/2014 Gari Tarde Organizadora: CARGO: GARI Texto para responder as questões de 01 a 08. Publicidade infantil: entenda

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO. INGRESSO DE DISCENTES NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO 2010 2º semestre EDITAL N 64 / 2010

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO. INGRESSO DE DISCENTES NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO 2010 2º semestre EDITAL N 64 / 2010 UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - UNIRIO PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO - PROGRAD UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIRIO INGRESSO DE DISCENTES NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO 2010

Leia mais

MANUAL DO CANDIDATO. Concurso Público n.º 01/2015. Estado de Santa Catarina MUNICÍPIO DE IOMERÊ

MANUAL DO CANDIDATO. Concurso Público n.º 01/2015. Estado de Santa Catarina MUNICÍPIO DE IOMERÊ MANUAL DO CANDIDATO Concurso Público n.º 01/2015 Estado de Santa Catarina MUNICÍPIO DE IOMERÊ Orientações e Instruções para a Realização das Provas 1. Do horário de comparecimento para a realização das

Leia mais

EDITAL Nº 02/2015 (SESSÃO NOVEMBRO/2015) ATENÇÃO: É necessária a leitura atenta deste Edital antes da realização da inscrição.

EDITAL Nº 02/2015 (SESSÃO NOVEMBRO/2015) ATENÇÃO: É necessária a leitura atenta deste Edital antes da realização da inscrição. EDITAL Nº 02/2015 (SESSÃO NOVEMBRO/2015) ATENÇÃO: É necessária a leitura atenta deste Edital antes da realização da inscrição. A coordenadora do PROFIN, Prof.ª Ma. Dayana Crystina Barbosa de Almeida, por

Leia mais

EDITAL DE ABERTURA DO 1º CONCURSO DE BOLSAS PROJEÇÃO 2016 UNIDADES: GUARÁ I, GUARÁ II E TAGUATINGA.

EDITAL DE ABERTURA DO 1º CONCURSO DE BOLSAS PROJEÇÃO 2016 UNIDADES: GUARÁ I, GUARÁ II E TAGUATINGA. EDITAL DE ABERTURA DO 1º CONCURSO DE BOLSAS PROJEÇÃO 2016 UNIDADES: GUARÁ I, GUARÁ II E TAGUATINGA. A Diretoria Geral das Unidades Educacionais do Grupo Projeção torna público o presente edital que traz

Leia mais

Faculdades Unidas de Pesquisa, Ciências e Saúde CNPJ : 08.543.681/0001-46 www.faculdadefapec.com.br

Faculdades Unidas de Pesquisa, Ciências e Saúde CNPJ : 08.543.681/0001-46 www.faculdadefapec.com.br EDITAL 021/2015 DE 15 DE OUTUBRO DE 2015 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2016.1 A Faculdades Unidas de Pesquisa, Ciências e Saúde FAPEC torna público o Edital do Processo Seletivo Vestibular 2016.1, para

Leia mais

GLOSSÁRIO DE TERMOS COMUNS NOS SERVIÇOS DE SAÚDE DO MERCOSUL

GLOSSÁRIO DE TERMOS COMUNS NOS SERVIÇOS DE SAÚDE DO MERCOSUL MERCOSUL/GMC/RES. N 21/00 GLOSSÁRIO DE TERMOS COMUNS NOS SERVIÇOS DE SAÚDE DO MERCOSUL TENDO EM VISTA: o Tratado de Assunção, o Protocolo de Ouro Preto, a Resolução N 91/93 do Grupo Mercado Comum e a Recomendação

Leia mais

FACULDADE ARI DE SÁ EDITAL Nº 2, DE 6 DE NOVEMBRO DE 2015, PROCESSO SELETIVO 2016.1

FACULDADE ARI DE SÁ EDITAL Nº 2, DE 6 DE NOVEMBRO DE 2015, PROCESSO SELETIVO 2016.1 FACULDADE ARI DE SÁ EDITAL Nº 2, DE 6 DE NOVEMBRO DE 2015, PROCESSO SELETIVO 2016.1 Em conformidade com as Portarias do MEC nº 1.120 de 16/07/1999 e nº 391 de 07/02/2002 e da Portaria nº 1449 de 23/12/1999

Leia mais

Estado de Goiás Secretaria de Ciência e Tecnologia Superintendência de Educação Superior e Profissional. Edital nº 001 /2009

Estado de Goiás Secretaria de Ciência e Tecnologia Superintendência de Educação Superior e Profissional. Edital nº 001 /2009 Estado de Goiás Secretaria de Ciência e Tecnologia Superintendência de Educação Superior e Profissional Edital nº 001 /2009 Processo Seletivo para Ingresso nos Cursos Técnico de Nível Médio em Agronegócios

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO EDITAL 002/2008 - COPERVES (Íntegra)

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO EDITAL 002/2008 - COPERVES (Íntegra) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO EDITAL 002/2008 - COPERVES (Íntegra) A Universidade Federal de Santa Maria () torna público que, no período de 16 de

Leia mais

PORTARIA NORMATIVA Nº 3, DE 6 DE MARÇO DE

PORTARIA NORMATIVA Nº 3, DE 6 DE MARÇO DE PORTARIA NORMATIVA Nº 3, DE 6 DE MARÇO DE 2015 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO GABINETE DO MINISTRO PORTARIA NORMATIVA Nº 3, DE 6 DE MARÇO DE 2015 Estabelece as regras do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes

Leia mais

PROCESSO SELETIVO EDITAL 05/2014

PROCESSO SELETIVO EDITAL 05/2014 PROCESSO SELETIVO EDITAL 05/2014 CARGO E UNIDADES: Auxiliar Administrativo (MOSSORÓ) Atenção: NÃO ABRA este caderno antes do início da prova. Tempo total para resolução desta prova: 2 (duas) horas. Assine

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 03/2008

UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO Nº 03/2008 RESOLUÇÃO Nº 03/2008 Fixa critérios para o Processo Seletivo/Vestibular 2008.2 - UNIVASF referentes aos Cursos de Engenharia do Campus Juazeiro-BA. O DA UNIVASF, no uso da atribuição que lhe confere o

Leia mais

PROCESSO SELETIVO FUNCAMP Nº 254/2011

PROCESSO SELETIVO FUNCAMP Nº 254/2011 PROCESSO SELETIVO FUNCAMP Nº 254/2011 EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA A CONTRATAÇÃO DE PESSOAL PARA A FUNDAÇÃO DE DESENVOLVIMENTO DA UNICAMP - FUNCAMP A Fundação de Desenvolvimento da Unicamp - FUNCAMP

Leia mais

MANUAL DE CANDIDATURA DE GRUPOS DE CIDADÃOS ELEITORES

MANUAL DE CANDIDATURA DE GRUPOS DE CIDADÃOS ELEITORES MANUAL DE CANDIDATURA DE GRUPOS DE CIDADÃOS ELEITORES ELEIÇÕES AUTÁRQUICAS 2013 Elaborado com base na legislação atualmente em vigor * * Lei Eleitoral dos Órgãos das Autarquias Locais, aprovada pela Lei

Leia mais

1. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

1. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS O Diretor Geral da Faculdade ISAEBRASIL, credenciada pela Portaria MEC n. 439 de 29 de abril de 2015, por sua Comissão de Vestibular, instituída em caráter permanente pela Portaria ISAE n.º 02/2015 de

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS UNIDADE ACADÊMICA - EMC ESCOLA DE ENGENHARIA ELÉTRICA, MECÂNICA E DE COMPUTAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS UNIDADE ACADÊMICA - EMC ESCOLA DE ENGENHARIA ELÉTRICA, MECÂNICA E DE COMPUTAÇÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS UNIDADE ACADÊMICA - ESCOLA DE ENGENHARIA ELÉTRICA, MECÂNICA E DE COMPUTAÇÃO Edital n 02 de NORMAS COMPLEMENTARES PARA O PROCESSO DE SELEÇÃO DE MONITORES

Leia mais

EDITAL DO 1º PROCESSO SELETIVO DOS CURSOS SUPERIORES NA MODALIDADE PRESENCIAL - VESTIBULAR 1º SEMESTRE - 2015

EDITAL DO 1º PROCESSO SELETIVO DOS CURSOS SUPERIORES NA MODALIDADE PRESENCIAL - VESTIBULAR 1º SEMESTRE - 2015 EDITAL DO 1º PROCESSO SELETIVO DOS CURSOS SUPERIORES NA MODALIDADE PRESENCIAL - VESTIBULAR 1º SEMESTRE - 2015 A Faculdade Meta - FAMETA, Instituição de Ensino Superior comprometida a observar o padrão

Leia mais

SIMULADO 2ª FASE EXAME DE ORDEM DIREITO PENAL CADERNO DE RASCUNHO

SIMULADO 2ª FASE EXAME DE ORDEM DIREITO PENAL CADERNO DE RASCUNHO SIMULADO 2ª FASE EXAME DE ORDEM DIREITO PENAL CADERNO DE RASCUNHO Leia com atenção as instruções a seguir: Você está recebendo do fiscal de sala, além deste caderno de rascunho contendo o enunciado da

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO DE TRANSFERÊNCIA

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO DE TRANSFERÊNCIA EDITAL DO PROCESSO SELETIVO DE TRANSFERÊNCIA 1º SEMESTRE DE 2014 O Diretor da Faculdade de Medicina de Barbacena-FAME, torna público através do presente Edital a existência de vagas no curso de Medicina

Leia mais

SAC: Fale com quem resolve

SAC: Fale com quem resolve SAC: Fale com quem resolve A Febraban e a sociedade DECRETO 6523/08: UM NOVO CENÁRIO PARA OS SACs NOS BANCOS O setor bancário está cada vez mais consciente de seu papel na sociedade e deseja assumi-lo

Leia mais

EDITAL Nº 20/2015 DE PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NOS CURSOS OFERTADOS PELA FACULDADE PAULUS DE TECNOLOGIA E COMUNICAÇÃO FAPCOM

EDITAL Nº 20/2015 DE PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NOS CURSOS OFERTADOS PELA FACULDADE PAULUS DE TECNOLOGIA E COMUNICAÇÃO FAPCOM EDITAL Nº 20/2015 DE PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NOS CURSOS OFERTADOS PELA FACULDADE PAULUS DE TECNOLOGIA E COMUNICAÇÃO FAPCOM A Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação- FAPCOM, credenciada pela

Leia mais

CRUZ VERMELHA BRASILEIRA FILIAL DO ESTADO DO PARANÁ COMISSÃO DE ESPECIALIZAÇÃO COESP EDITAL Nº. 03/2015 CONCURSO DE SELEÇÃO PARA ESPECIALIZAÇÃO 2015

CRUZ VERMELHA BRASILEIRA FILIAL DO ESTADO DO PARANÁ COMISSÃO DE ESPECIALIZAÇÃO COESP EDITAL Nº. 03/2015 CONCURSO DE SELEÇÃO PARA ESPECIALIZAÇÃO 2015 CRUZ VERMELHA BRASILEIRA FILIAL DO ESTADO DO PARANÁ COMISSÃO DE ESPECIALIZAÇÃO COESP EDITAL Nº. 03/2015 CONCURSO DE SELEÇÃO PARA ESPECIALIZAÇÃO 2015 A Comissão de Especialização do Hospital da Cruz Vermelha

Leia mais

Reitoria Coordenadoria de Relações Internacionais. Edital No. 004/2014 COORDENADORIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS/INGLÊS SEM FRONTEIRAS

Reitoria Coordenadoria de Relações Internacionais. Edital No. 004/2014 COORDENADORIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS/INGLÊS SEM FRONTEIRAS Edital No. 004/2014 COORDENADORIA DE RELAÇÕES INTERNACIONAIS/INGLÊS SEM FRONTEIRAS A coordenadoria de Relações Internacionais da UENP torna pública a abertura de inscrições e demais procedimentos relativos

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO CENTRO DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS HUMANAS

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO CENTRO DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS HUMANAS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO CENTRO DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS HUMANAS EDITAL PROPEG Nº 003/2015 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NO CURSO DE

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE ENSINO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE ENSINO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE ENSINO RESOLUÇÃO Nº 14/2007 Regulamenta o VESTIBULAR ESPECIAL para ingresso nos cursos de graduação

Leia mais

GUIA DE ARGUMENTOS DE VENDAS

GUIA DE ARGUMENTOS DE VENDAS GUIA DE ARGUMENTOS DE VENDAS O Plano Diretor é uma lei municipal que estabelece diretrizes para a ocupação da cidade. Ele deve identificar e analisar as características físicas, as atividades predominantes

Leia mais

EDITAL N 01/2015 NORMAS PARA O PROCESSO SELETIVO PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE HERRERO INGRESSO 2016

EDITAL N 01/2015 NORMAS PARA O PROCESSO SELETIVO PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE HERRERO INGRESSO 2016 EDITAL N 01/2015 NORMAS PARA O PROCESSO SELETIVO PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE HERRERO INGRESSO 2016 Fica aberto o processo seletivo da Faculdade Herrero, para: Tecnologia em Segurança no Trabalho

Leia mais

PROPOSTA DA DIRECÇÃO DO SPN

PROPOSTA DA DIRECÇÃO DO SPN PROPOSTA DA DIRECÇÃO DO SPN ESTATUTOS DO SINDICATO DOS PROFESSORES DO NORTE PROPOSTA DE ALTERAÇÃO 24.NOV.2009 TEXTO ACTUAL TEXTO DA PROPOSTA (alterações a vermelho e sublinhadas) Capítulo I - DA CONSTITUIÇÃO,

Leia mais

EDITAL Nº 011/2015 VESTIBULAR DE VERÃO 2016/1 - CURSO DE DESIGN UCEFF FACULDADES

EDITAL Nº 011/2015 VESTIBULAR DE VERÃO 2016/1 - CURSO DE DESIGN UCEFF FACULDADES EDITAL Nº 011/2015 VESTIBULAR DE VERÃO 2016/1 - CURSO DE DESIGN UCEFF FACULDADES 1. ABERTURA A Faculdade de Empresarial de Chapecó mantida pela Unidade Central de Educação FAEM Faculdade Ltda UCEFF Faculdades,

Leia mais

EDITAL. 1. INSCRIÇÕES As inscrições deverão ser realizadas, no período de 25 a 29 de maio de 2015, nos seguintes horários e salas:

EDITAL. 1. INSCRIÇÕES As inscrições deverão ser realizadas, no período de 25 a 29 de maio de 2015, nos seguintes horários e salas: EDITAL PROCESSO SELETIVO DE CANDIDATOS PARA INGRESSO NO MESTRADO PROFISSIONAL EM ENGENHARIA DE PRODUÇÃO NO PROGRAMA DE PÓS- GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA DE PRODUÇÃO DE VOLTA REDONDA A coordenação do Programa

Leia mais

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM TECNOLOGIAS QUÍMICA E BIOLÓGICA

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM TECNOLOGIAS QUÍMICA E BIOLÓGICA UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM TECNOLOGIAS QUÍMICA E BIOLÓGICA EDITAL N o. 1/2012 SELEÇÃO DE CANDIDATOS ÀS VAGAS DO PROGRAMA DE PÓS- GRADUAÇÃO EM TECNOLOGIAS QUÍMICA E BIOLÓGICA

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS COORDENAÇÃO DE PROCESSOS DE SELEÇÃO E INGRESSO PAVE EDITAL 053/2015 04/10/2015 INSTRUÇÕES PARA O DIA DA PROVA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS COORDENAÇÃO DE PROCESSOS DE SELEÇÃO E INGRESSO PAVE EDITAL 053/2015 04/10/2015 INSTRUÇÕES PARA O DIA DA PROVA UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS COORDENAÇÃO DE PROCESSOS DE SELEÇÃO E INGRESSO PAVE EDITAL 053/2015 04/10/2015 INSTRUÇÕES PARA O DIA DA PROVA ! UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS COORDENAÇÃO DE PROCESSOS

Leia mais

ASSOCIAÇÃO PARA VALORIZAÇÃO DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA AVAPE PROCESSO SELETIVO EDITAL Nº.001/2013. Porteiro MANHÃ. Organizadora:

ASSOCIAÇÃO PARA VALORIZAÇÃO DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA AVAPE PROCESSO SELETIVO EDITAL Nº.001/2013. Porteiro MANHÃ. Organizadora: ASSOCIAÇÃO PARA VALORIZAÇÃO DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA AVAPE PROCESSO SELETIVO EDITAL Nº.001/2013 Porteiro MANHÃ Organizadora: 0000000202 CARGO: PORTEIRO Texto O direito de ir e vir, pedalando Por que

Leia mais

Centro Universitário Unieuro vestibular@unieuro.com.br

Centro Universitário Unieuro vestibular@unieuro.com.br A Comissão de Acesso ao Ensino Superior informa que estão abertas as inscrições para o 1º semestre letivo de 2016, nas seguintes modalidades: 1º Processo Seletivo Agendado Edital 21/2015 (para novos alunos)

Leia mais

Concurso de Bolsas 2015

Concurso de Bolsas 2015 Regulamento Concurso de Bolsas 2015 1. Definição e Objetivo a. O Concurso de Bolsas é uma prova, específica para cada ANO, que avalia o conhecimento do aluno e, em virtude do resultado e de sua colocação,

Leia mais

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Participação - 1º edição de 2012

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Participação - 1º edição de 2012 Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Participação - 1º edição de 2012 1 - Dados cadastrais da Instituição de Educação Superior

Leia mais

MINISTÉRIO DAS CIDADES CONSELHO DAS CIDADES RESOLUÇÃO RECOMENDADA N 75, DE 02 DE JULHO DE 2009

MINISTÉRIO DAS CIDADES CONSELHO DAS CIDADES RESOLUÇÃO RECOMENDADA N 75, DE 02 DE JULHO DE 2009 DOU de 05/10/09 seção 01 nº 190 pág. 51 MINISTÉRIO DAS CIDADES CONSELHO DAS CIDADES RESOLUÇÃO RECOMENDADA N 75, DE 02 DE JULHO DE 2009 Estabelece orientações relativas à Política de Saneamento Básico e

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANDRÉ SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO E MODERNIZAÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANDRÉ SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO E MODERNIZAÇÃO PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANDRÉ SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO E MODERNIZAÇÃO PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANDRÉ SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO E MODERNIZAÇÃO EDITAL Nº 02/2014 CONVOCAÇÃO PARA REALIZAÇÃO

Leia mais

ESTADO DO ACRE MUNICÍPIO DE MÂNCIO LIMA GABINETE DO PREFEITO LEI Nº 316/2013 MÂNCIO LIMA ACRE, 03 DE SETEMBRO DE 2013.

ESTADO DO ACRE MUNICÍPIO DE MÂNCIO LIMA GABINETE DO PREFEITO LEI Nº 316/2013 MÂNCIO LIMA ACRE, 03 DE SETEMBRO DE 2013. LEI Nº 316/2013 MÂNCIO LIMA ACRE, 03 DE SETEMBRO DE 2013. DISPÕE SOBRE OS CRITÉRIOS DA CONCESSÃO DE BENEFÍCIOS EVENTUAIS DE AUXÍLIO NATALIDADE, FUNERAL, SITUAÇÕES DE CALAMIDADE PÚBLICA E DE VULNERABILIDADE

Leia mais

LEI MUNICIPAL Nº 545/2009.

LEI MUNICIPAL Nº 545/2009. LEI MUNICIPAL Nº 545/2009. EMENTA: INSTITUI O PROGRAMA BOLSA FAMÍLIA, NA EMANCIPAÇÃO SUSTENTADA DAS FAMÍLIAS QUE VIVEM EM SITUAÇÃO DE EXTREMA POBREZA, CRIA O CONSELHO MUNICIPAL DE ACOMPANHAMENTO DO PROGRAMA,

Leia mais

CENTRO DE CIÊNCIAS MATEMÁTICAS E DA NATUREZA INSTITUTO DE QUÍMICA

CENTRO DE CIÊNCIAS MATEMÁTICAS E DA NATUREZA INSTITUTO DE QUÍMICA CENTRO DE CIÊNCIAS MATEMÁTICAS E DA NATUREZA INSTITUTO DE QUÍMICA EDITAL Nº 156, de 25 de maio de 2015 A UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO (UFRJ), por intermédio da Direção do Instituto de Química,

Leia mais

EDITAL Nº 005/2010 EXAME DE SELEÇÃO 2011/1 - UCEFF FACULDADES

EDITAL Nº 005/2010 EXAME DE SELEÇÃO 2011/1 - UCEFF FACULDADES EDITAL Nº 005/2010 EXAME DE SELEÇÃO 2011/1 - UCEFF FACULDADES 1. ABERTURA A Faculdade de Empresarial de Chapecó mantida pela Unidade Central de Educação FAEM Faculdade Ldta UCEFF Faculdades, de acordo

Leia mais

Novas Regras Básicas para Estrutura e Funcionamento do FBEI

Novas Regras Básicas para Estrutura e Funcionamento do FBEI 1 Novas Regras Básicas para Estrutura e Funcionamento do FBEI 1. Finalidade O FBEI é uma instância de organização e articulação interinstitucional, suprapartidária, que agrega diversos órgãos, organizações

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 139, DE 29 DE JUNHO DE 2012

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 139, DE 29 DE JUNHO DE 2012 Publicada no Boletim de Serviço, n. 7, p. 13-18 em 6/7/2012 INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 139, DE 29 DE JUNHO DE 2012 Dispõe sobre o fornecimento e a autenticação de cópias e impressões e dá outras providências.

Leia mais

SIMULADO 2ª FASE EXAME DE ORDEM DIREITO CIVIL CADERNO DE RASCUNHO

SIMULADO 2ª FASE EXAME DE ORDEM DIREITO CIVIL CADERNO DE RASCUNHO SIMULADO 2ª FASE EXAME DE ORDEM DIREITO CIVIL CADERNO DE RASCUNHO Além deste caderno de rascunho, contendo o enunciado da peça prático-profissional e das quatro questões discursivas, você receberá do fiscal

Leia mais

EDITAL SEEC Nº. 01/2013

EDITAL SEEC Nº. 01/2013 ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE COCAL DO SUL SECRETARIA DE EDUCAÇÃO, ESPORTE E CULTURA EDITAL SEEC Nº. 01/2013 Dispõe sobre as diretrizes de matrícula para o ano letivo de 2014, nas instituições

Leia mais

FÓRUM PERMANENTE DA AGENDA 21 DE TANGUÁ RJ REGIMENTO INTERNO. CAPÍTULO l - DA CONSTITUIÇÃO, SEDE, OBJETIVOS, PRINCÍPIOS E ATRIBUIÇÕES.

FÓRUM PERMANENTE DA AGENDA 21 DE TANGUÁ RJ REGIMENTO INTERNO. CAPÍTULO l - DA CONSTITUIÇÃO, SEDE, OBJETIVOS, PRINCÍPIOS E ATRIBUIÇÕES. FÓRUM PERMANENTE DA AGENDA 21 DE TANGUÁ RJ REGIMENTO INTERNO CAPÍTULO l - DA CONSTITUIÇÃO, SEDE, OBJETIVOS, PRINCÍPIOS E ATRIBUIÇÕES. Art. 1º - O Fórum permanente da Agenda 21 de Tanguá, criado pela Lei

Leia mais

FACULDADE FIA DE ADMINISTRAÇÃO E NEGÓCIOS Mantida pela Fundação Instituto de Administração

FACULDADE FIA DE ADMINISTRAÇÃO E NEGÓCIOS Mantida pela Fundação Instituto de Administração EDITAL DO VESTIBULAR 1/2011 O Diretor Geral da Faculdade FIA de Administração e Negócios, no uso de suas atribuições regimentais e da legislação vigente, por meio do presente Edital, torna público o aditamento

Leia mais

1. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

1. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS INSTITUTO DE CIÊNCIAS MATEMÁTICAS E DE COMPUTAÇÃO UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES AOS PROCESSOS SELETIVOS nº. 016/2015 PROGRAMA DE CIÊNCIAS DE COMPUTAÇÃO E MATEMÁTICA COMPUTACIONAL

Leia mais

MUNICÍPIO DE MATIAS CARDOSO ESTADO DE MINAS GERAIS CONCURSO PÚBLICO Nº 001/2012. Gari TARDE

MUNICÍPIO DE MATIAS CARDOSO ESTADO DE MINAS GERAIS CONCURSO PÚBLICO Nº 001/2012. Gari TARDE MUNICÍPIO DE MATIAS CARDOSO ESTADO DE MINAS GERAIS CONCURSO PÚBLICO Nº 001/2012 Gari TARDE CARGO: GARI Texto Prevenção e combate ao trabalho infantil De acordo com os dados do Ministério do Desenvolvimento

Leia mais