Introdução. O Granth Sahib

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Introdução. O Granth Sahib"

Transcrição

1 Introdução O Sikhismo foi fundado no do século XV por Sri Guru Nanak Dev, o primeiro dos Gurus nascidos em Talwandi (hoje Nankana Sahib), em Seikhpura, no distrito de Lahore, no Pasquistão. Ele não fez uma tentativa de erguer uma nova religião. Ele tentou uma unidade religiosa que abraça-se tanto os Hindus como os Maometanos ou muçulmanos. Ele insistiu na adoração do Deus uno, o Criador e o Supremo Controlador, o qual é tudo, e além de quem qualquer pensamento da existência individual é somente Maya. Guru Nanak tentou o seu melhor plano para unir Hindus e os Muçulmanos, numa única linguagem de amor a Deus, e serviço ao homem. As principais doutrinas do Sikhismo são a união ou unidade de Deus e da irmandade do homem. Um Sikhi é admitido para o privilégio da comunidade onde ele recebe o Pahul (batismo). Quando ele é batizado, ele passa a adotar os cinco Kakas: o Kes, (não cortar o cabelo), o Kachh, (barba curta ), o Kara (bracelete de ferro), o Kirpan (adaga de aço), e o Kangha (pequeno pente usado no cabelo). Os Sikhis dividem-se dentro de muitas sub-seitas, a saber: Udasis, Nirmalas e os Akalis. Os Udasis são uma ordem ascética de Nanakshahi Sikhs. Os Nirmalas são celibatários. Eles também são uma ordem de ascetas dos Nanakshahis. Os Akalis são os mais fanáticos de toda a seita Sikh; eles vestem uma roupa de tom azulado, e um turbante negro. O Granth Sahib O Granth Sahib é a escritura sagrada dos Sikhs. Guru Nanak inventou a linguagem Gurumukhi, o que é uma corrutela do Hindi. Ele contém um alfabeto com 53 letras. Todo o Gran Sahib estão na lingagem Gurumukti. As escrituras sagradas ou o Santo Granths são duas. Uma foi compilada pelo quinto Guru, ou Guru Arjun Dev. O outro é uma coleção de uma miscelânea de hinos do décimo Guru, ou Guru Govinda Singh, e traduções de livros em sânscrito sob as ordens de Guru Govind Singh. Uma parte do Granth contém um abstrato do Ramayana, e do Srimad Bhagavata. Princípios fundamentais do Sikhismo 1 / 10

2 São os seguintes os princípios fundamentais nos quais o Sikhismo está baseado: i) Crença no Verdadeiro Deus Uno; ii) Rendição implícita a vontade de Deus; iii) A prática da retidão e da honra; iv) Fraternidade de Deus e irmandade do homem; v) Não adorar senão a Deus; vi) Trabalhar na boa fé é uma obrigação imposta por Deus; abandonando o medo por um mau resultado, bem como a esperança de um bom resultado. Japji (cinco estágios) Japji é a grande oração da manhã para os Sikhs. Ela é a mais sagrada coleção de hinos para Guru Nanak. Ela é a pedra fundamental na qual a escritura Sikhs, o Sagrado Guru Nanak, foi construída. Os hinos foram arranjados na atual forma pelo quinto Guru, Sri Guru Arjun Deva. Ele contém o Mula-mantra, 38 Pauris ou passos ou degraus, e um Shloka, o qual forma o epílogo ou conclusão. O Gran Sahib, a escritura principal dos Sikhs, inicia com o Japji. O resto do Granth Sahib é uma exposição da doutrina filosófica e dos ensinamentos contidos no Japji. Ele mostra o caminho para alcançar a Deus. Sohila é repetido no melhor tempo. No Japji Guru Nanak é dada uma lúcida, lacônica, e bela descrição dos estágios através dos quais a alma individual deve passar, com a finalidade de alcançar a paz eterna. Há cinco estágios ou Khandas, a saber: 1) Dharam Khand, 2) Gian Khand, 3) Shanran Khand, 4) Karam Khand, e 5) Such Khanda. O Mulamantra, ou sagrada oração dos Sikhs, afirma que neste reino final há apenas Deus. Seu nome é Verdade. Ele é o Criador. A pessoa fica livre do medo e da inimizade. Está além do tempo. Deus é imortal, não nascido, sem forma e auto-existente. Ele pode ser realizado pela graça do Guru. Deus existe antes do começo do mundo. Ele existe antes do início das eras ou Yuga. Ele existe agora, diz Nanak, e existirá para sempre. Estes são conteúdos essenciais dos Upanishdas ou Vedanta para os Hindus. 2 / 10

3 As metas do Sikhismo A meta do Sikhismo repousa em Moksha, o qual é realizado na união com Deus, descrita como amor como o Supremo amado, e resultando na auto-transcendência, perda do egoísmo, bem-aventurança eterna ou Ananda. O Sikh está imerso em Deus, assimilado, identificado com Ele. A união com Deus é a concretização da individualidade, na qual as pessoas, livres de todas as limitações, tornam-se co-abrangentes, e co-operantes e co-presente com Deus. No Sikhismo, Moksha significa realização dentro do amor de Deus. O homem não é Deus, mas está representado na unidade, na mística consciência, com Ele. Deus é um Senhor Pessoa, e o Criador. Caminho da realização Para levar o homem a sua meta ou Moksha, os seguidores do Sikhismo realizam Japa e cânticos de hinos devocionais. Através do canto dos Santos Nomes do Senhor, Sat Nam, a alma limpa-se das suas impurezas. O ego e dominado, e o vaguear da mente é acalmado. Esta atitude conduz ao silêncio da superconsciência. Deste estágio, entra-se na luz divina, e assim alcança-se o estado de bem-aventurança divina. Uma vez que esta meta elevada é alcançada, o devoto deve dedicar a sua consciência para o bem dos outros. A elevada meta pode ser realizada apenas pela graça de Deus, e isto é obtido exclusivamente por seguir o Satguru (nos dias de hoje, um santo ou Sant, uma vez que não há Gurus vivendo, pelos ditos de Govinda Singh, o décimo e último dos Gurus Sikhis), e pela repetição dos Santos Nomes do Senhor, guiador pelo Adi Granth, a escritura e base repositória da autoridade espiritual. Para os Sikhs, não há uma imagem para ser adorada, ou símbolo para a Divindade, mas muitos deles freqüentam vários templos Hindus e Muçulmanos, porque não são pessoas sectárias. O sikhismo hoje 3 / 10

4 O número de sikhs no mundo é estimado em cerca de 23 milhões, o que fará do sikhismo a quinta maior religião mundial em número de aderentes. É estimado que 19 milhões vivem na Índia, concentrados, em sua maioria, no estado do Panjabi. Existem numerosas comunidades sikhs no Reino Unido, nos Estados Unidos e no Canadá. Também são uma minoria importante na Malásia e Cingapura. A forma literária da língua punjabi, escrita no alfabeto gurmukhi, está muito ligada à religião sikh. De facto, os falantes de panjabi hindus ou muçulmanos utilizam geralmente o hindi e o urdu, respectivamente, como línguas escritas. São principalmente os sikhs quem escreve em panjabi. Após as eleições indianas de 2004, o Dr. Manmohan Singh tornou-se o primeiro sikh que ocupa o posto de Primeiro Ministro da Índia. É também o primeiro não hindu a ocupar o cargo. Crenças dos Sikhs 1. Eu creio em Deus como o Uno Soberano, o onipotente, imortal e Criador pessoal, um Ser além do tempo, que é chamado de Sat Nam, e Seu nome é Verdade. 2. Eu creio que o homem cultiva a espiritualidade pelo vivenciar da veracidade; servindo abnegadamente, e pela repetição do Santo Nome e das orações de Guru Nanak, Japaji. 3. Eu creio que a salvação repousa no entendimento da Verdade divina, e que o caminho seguro esta na fé, no amor, na pureza e na devoção a Deus. 4. Eu creio o que está escrito, na autoridade ética do Adi Granth, como sendo uma desvelação de Deus. 4 / 10

5 5. Eu creio que para conhecer Deus é essencial o Guru como guia que, em si mesmo absorvido em amor ao verdadeiro, está apto para despertar a alma na verdade da sua própria natureza divina. 6. Eu creio na linhagem dos dez Gurus: Guru Nanak, Guru Angad, Guru Ram Das, Guru Arjun, Guru Har Govinda, Guru Har Raí, Guru Har Krishnam, Guru Tegh Bahadur, e Guru Govinda Singh, todos eles são meus mestres. 7. Eu creio que o mundo é Maya, uma vã e transitória ilusão; apenas Deus é verdade, quando todos morrem. 8. Eu creio no adotar do último nome singh, significando leão, e coragem, e nos cinco símbolos: 1) roupas brancas (pureza), 2) espada (bravura), 3) bracelete de ferro (moralidade), barba e cabelos sem corte (renúncia), e pente (limpeza). 9. Eu creio no caminho natural e sustento oposição ao jejum, peregrinação, castas, idolatria, celibato e asceticismo. Cerimônias e Festivais Nam Karan - Nomeação de uma criança Assim como a mãe e a criança são capazes de viajar, a família visita o Gurdwara. Lá eles recitam hinos alegre do Guru Granth Sahib para comemorar o nascimento do novo filho. Karah Prashad (pudim sagrado) é preparado pela família. Amrit (água doce) também é preparado e dado à criança, bem como a mãe. O nome é escolhido pegando o Hukam, o granthi aleatoriamente abre Sri Guru Granth Sahib em qualquer página e lê o hino da página. A primeira letra da primeira palavra do hino é escolhida. O nome da criança deve ser escolhido 5 / 10

6 com a letra iniciada e é anunciada à congregação. Amrit Sanskar - Batismo Esta é a cerimônia sagrada para a iniciação na irmandade Khalsa. Deve ser tomado somente por aqueles que estão totalmente maduras o bastante para perceber o compromisso necessário e a importância. O iniciante pode ser um homem ou mulher, de qualquer casta ou religião anterior. Geralmente eles são encorajados a começar a se comportar, agir e olhar como um Sikh antes de procurar o batismo. O batismo é feito em um lugar calmo, longe de distrações, onde Sri Guru Granth Sahib foi instalado. O iniciante é necessário lavar os cabelos, cobrir a cabeça, vestir roupas limpas e fazer os 5K s, antes de se apresentar aos 6 Sikhs amritdhari (aqueles que já são batizados). Cinco amritdhari Sikhs irá realizar a cerimônia, enquanto se lê Sri Guru Granth Sahib. Os fundamentos do Sikhismo são explicados ao iniciante e este é seguido por Ardas e é pego para fazer o Hukam (abertura de Sri Guru Granth Sahib para uma página aleatória e leitura de um hino). Amrit (água doce açúcar) é preparado em uma tigela de aço e misturado com uma kirpan pelos cinco amados enquanto Japuji, Jaap, Ten Sawayyas, Bainti Chaupai e seis versos de Anand Sahib são recitados. Isso é seguido por Ardas e o iniciante bebe o amrit cinco vezes nas mãos em concha e exclamando Waheguru Ji Ka Khalsa, Waheguru Ji Ki Fateh (O puro pertence a Deus, a vitória de Deus). Amrit é então aspergido sobre o cabelo e os olhos do iniciante e qualquer sobra é bebido por todos os presentes. Isto é seguido de uma explicação do código de conduta e disciplina necessária para uma Khalsa. O Khalsa é obrigatorio a vestir a 5K s que são: 1) Kesh: Cabelo longo sem cortar 2) Khanga: Um pequeno pente de cabelo feito de madeira 3) Kara: Um bracelete de metal 4) Kacha: Uma roupa intima de algodão 5) Kirpan: Em sua origem, era uma espada cerimonial, mas agora é apenas uma pequena adaga. Ele simboliza o poder e a liberdade de espírito, auto-respeito, a luta constante do bem e da moral sobre a injustiça. O Kirpan nunca deve ser usado para atacar, mas pode ser usado para auto-defesa ou para proteger a terceiros E o Khalsa também é obrigatorio abster-se de: 6 / 10

7 1) corte de cabelo, 2) comer carne halal muçulmano, 3) conviver com uma pessoa que não sejam o cônjuge e 4) utilizar substancias toxicas, como o tabaco. Outras violações do código de conduta também são explicadas antes por Ardas é novamente repetida. Isto é seguido por pegar o Hukam e comendo pudim de Karah (pudim sagrado) de uma tigela comum. Se uma pessoa não tem um nome Sikh, tomam um novo nome neste momento. Cerimônia Funeral No Sikhismo a morte é considerada um processo natural e a vontade de Deus. Quaisquer manifestações públicas de luto no funeral, tais como choro ou chorando alto são desencorajados. A cremação é o método preferencial de eliminação, caso não é possível qualquer outro método, como a inumação ou submersão no mar são aceitáveis. Culto dos mortos com lápides, etc não é recomendado, porque o corpo é considerado só a casca, a alma da pessoa é a sua verdadeira essência. O corpo é geralmente banhados e vestidos por familiares e levado para a cremação. Há hinos que são recitados induzindo a sensação de desprendimento e são recitados pela congregação. Como o corpo está sendo cremado, Kirtan Sohila a oração noturna é recitado e Ardas é oferecido. As cinzas são eliminadas por imersão no rio mais próximo. A não leitura contínua de todo o Sri Guru Granth Sahib é realizado e programado para terminar no décimo dia. Isto pode ser realizado em casa ou no Gurdwara. A conclusão desta cerimónia marca o fim do período de luto. Caminho Akhand Este é o sem parar ao fim da leitura de Sri Guru Granth Sahib, que é realizado para comemorar qualquer ocasião alegre ou em momentos de dificuldades, tais como nascimento, casamento, morte, mudar para uma casa nova, e Gurpurbs. A leitura sem parar leva aproximadamente 48 horas e é realizado a familiares, profissionais ou leitores na presença da família. A leitura deve ser clara e correta para que ele possa ser compreendido por todos os ouvintes. Após a conclusão da leitura de Bhog e a cerimônia realizar-se, o Hukam é tomado e aberto em qualquer página para ler o hino da página. Karah Parshad (pudim sagrado) também é distribuído a todos os presentes. 7 / 10

8 Esta cerimônia evoluiu em meados do século 18, quando havia poucas cópias escritas a mão de Sri Guru Granth Sahib. Sikhs e estavam lutando por suas vidas neste momento, se escondendo nas selvas. Realizar o Caminho Akhand como um ritual cego é altamente desrespeitoso para o Sri Guru Granth Sahib e contrária aos ensinamentos dos Gurus. Gurpurbs Importantes aniversários associados à vida dos Gurus são referidos como Gurpurbs. Estes são geralmente marcados com a gurdwaras Akand Caminho (capa a capa contínua de leitura de Sri Guru Granth Sahib), concluindo no dia específico. Há também kirtan (recitação musical dos hinos do Sri Guru Granth Sahib), bem como katha (palestras sobre Sikhismo). Alguns locais também têm kirtan Nagar, onde há uma procissão com o Sri Guru Granth Sahib liderado por 5 Sikhs realização Nishan Sahibs (a bandeira Sikh). Entre as celebrações maiores Gurpurb são: Primeira instalação de Sri Guru Granth Sahib, no Templo de Ouro pelo Guru Arjan Dev Nascimento do Guru Nanak (tradicionalmente celebrado em Novembro) Nascimento do Guru Gobind Singh Martírio de Guru Arjan Dev Martírio de Guru Tegh Bahadur O Martírio de Sahibzadas (os filhos do Guru Gobind Singh) Vaisakhi Guru Amar Das é a primeira festa institucionalizada como um dos dias especiais, quando todos os sikhs se reúnem para receber as bênçãos de Gurus Goindwal em Em 1699, Guru Gobind Singh reuniu milhares de pessoas em Anandpur Sahib e fundou a ordem Khalsa batizando 5 Sikhs corajosos que estavam dispostos a dar sua vida para o Guru. Os Cinco Amados por sua vez, batizado Guru Gobind Singh Khalsa na fraternidade. Neste dia, comemorado em todo 13 de abril é considerado o aniversário da ordem Khalsa. Sikhs gurdwaras visitam feiras e desfiles são realizados. Muitos Sikhs escolhem a ser batizado na fraternidade Khalsa neste dia, bem como as embalagens do posto bandeira Nishan Sahib, no 8 / 10

9 máximo, gurdwaras são alterados em Vaisakhi. Nota: Vaisakhi não é o Ano Novo Sikh. Vaisakhi ocorre no segundo mês do calendário Sikh. O Ano Novo é Sikh em Chet um acordo com o calendário Sikh, que ocorre em 14 de março a cada ano. Bandi Chhor Divasi Em Bandi Chhor Divas 1619 o Templo de Ouro foi iluminada com muitas luzes para receber em casa e comemorar o lançamento do Guru Hargobind de prisão em Fort Gwalior. Os Sikhs continuaram esta celebração anual com as lâmpadas acesas gurdwaras fora e doces distribuídos a todos. O maior encontro acontece no Templo Dourado, que é iluminada com milhares de luzes. Maghi Sikhs gurdwaras visitam e ouvem kirtan neste dia para comemorar o martírio dos Quarentas Imortais. O maior encontro acontece no Muktsar uma feira anual onde é realizada. Ela ocorre no primeiro dia de Maghar Sangrant, cerca de 14 de janeiro. Quarenta seguidores do Guru Gobind Singh, que anteriormente tinha abandonado, lutou bravamente contra a hegemonia de forças do exército mongol e foram martirizados aqui. Guru Gobind Singh pessoalmente abençoou como tendo alcançado mukti (liberação) e cremados em Muktsar. Hola Mohalla Um festival anual de milhares de pessoas detidas em Anandpur Sahib. Ela foi criada pelo Guru Gobind Singh em conjunto de Sikhs para exercícios militares e simulações de batalhas no dia seguinte o festival indiano de Holi. As simulações de batalhas foram acompanhados por música e concursos de poesia. O transporte Singh Nihang sobre a tradição marcial com simulações de 9 / 10

10 batalhas e demonstrações de esgrima e equitação. Há também uma série de durbars onde Sri Guru Granth Sahib está presente e kirtan e religiosas palestras acontecem. O festival culmina com um grande desfile encabeçado pelo sahibs Nishan do gurdwaras na região. Hola Mohalla é realizada em torno de 17 de março. Sangrand Este é o momento em que o Sol passa de um signo do zodíaco para a próxima, é o início do novo mês no calendário indiano. O início do novo mês é anunciado no gurdwaras pela leitura de partes do Maha Bara, a canção dos 12 meses, pelo Guru Arjan Dev (pág. 133) ou às vezes por Bara Maha Guru Nanak Dev (pág. 1107). Este dia marca apenas o início do novo mês e não é tratada como sendo maior ou melhor do que qualquer outro dia. Bilbiografia: Acesso: 23 de Julho, Acesso: 23 de Julho, Acesso: 23 de Julho, / 10

INTRODUÇÃO Introdução ao Hinduísmo

INTRODUÇÃO Introdução ao Hinduísmo INTRODUÇÃO Introdução ao Hinduísmo Denominação do conjunto de princípios, doutrinas e práticas religiosas que surgiram na Índia, a partir de 2000 a.c. O termo é ocidental e é conhecido pelos seguidores

Leia mais

A Igreja é uma santa sociedade cristã para santa comunhão ordinária e ajuda mútua no culto público a Deus e no santo viver.

A Igreja é uma santa sociedade cristã para santa comunhão ordinária e ajuda mútua no culto público a Deus e no santo viver. A Igreja é uma santa sociedade cristã para santa comunhão ordinária e ajuda mútua no culto público a Deus e no santo viver. Richard Baxter Contexto: Os puritanos surgiram para apoiar e desejar a reforma

Leia mais

DEPARTAMENTO NACIONAL DE ESCOLA DOMINICAL

DEPARTAMENTO NACIONAL DE ESCOLA DOMINICAL SUGESTÃO DE CELEBRAÇÃO DE NATAL 2013 ADORAÇÃO Prelúdio HE 21 Dirigente: Naqueles dias, dispondo-se Maria, foi apressadamente à região montanhosa, a uma cidade de Judá, entrou na casa de Zacarias e saudou

Leia mais

O Canto Litúrgico. Como escolher os cantos para nossas celebrações?

O Canto Litúrgico. Como escolher os cantos para nossas celebrações? O Canto Litúrgico Como escolher os cantos para nossas celebrações? O que é Liturgia? Liturgia é antes de tudo "serviço do povo", essa experiência é fruto de uma vivencia fraterna, ou seja, é o culto, é

Leia mais

A Liderança do Espírito

A Liderança do Espírito A Liderança do Espírito Autor : Andrew Murray Para muitos Cristãos a liderança do Espírito é considerada como uma sugestão de pensamentos para nossa orientação. Eles almejam e pedem por ela em vão. Quando

Leia mais

Uma palavra da velha guarda, com novo significado

Uma palavra da velha guarda, com novo significado Um Espaço Chamado Castidade 1 Uma palavra da velha guarda, com novo significado Se eu pedisse a você uma definição de castidade, posso até apostar que você associaria com esperar até o casamento para fazer

Leia mais

Ministério de Mulheres que oram, Heroínas da Fé

Ministério de Mulheres que oram, Heroínas da Fé Ministério de Mulheres que oram, Heroínas da Fé Pr. Presidente : Raul C. Batista e Miss. Ruthe Ribeiro Ministra do MMO: Lourdes Ramalho Assembléia de Deus de Imperatriz- MA Liderança Pr. Raul C. Batista

Leia mais

! O CÓDIGO DE SANTIDADE

! O CÓDIGO DE SANTIDADE UMA VIDA QUE HONRA A DEUS Levítico 17 Lv 17.11 Pois a vida da carne está no sangue, e eu o dei a vocês para fazerem O CÓDIGO DE SANTIDADE Levítico 17 está estrategicamente localizado na abertura da segunda

Leia mais

Lição 01 O propósito eterno de Deus

Lição 01 O propósito eterno de Deus Lição 01 O propósito eterno de Deus LEITURA BÍBLICA Romanos 8:28,29 Gênesis 1:27,28 Efésios 1:4,5 e 11 VERDADE CENTRAL Deus tem um propósito original e eterno para minha vida! OBJETIVO DA LIÇÃO Que eu

Leia mais

Banda Marcial faz alas, na escadaria, tocando para acolher a todos até a entrada do salão.

Banda Marcial faz alas, na escadaria, tocando para acolher a todos até a entrada do salão. Dia 21 de novembro uma homenagem especial pelos 150 anos de nascimento de Madre Clélia. Madre Clélia, festeja na eternidade o dom dos 150 anos de vida. Celebrando o dia 21 de novembro Quero que minhas

Leia mais

Lição Oito. O Culto a Deus. Que É Culto? adoração da parte da pessoa que pensa acerca de Deus. O culto é a reação humana à glória,

Lição Oito. O Culto a Deus. Que É Culto? adoração da parte da pessoa que pensa acerca de Deus. O culto é a reação humana à glória, Livro 1 página 57 Lição Oito O Culto a Deus Que É Culto? O culto é o ato de reconhecer a Deus por quem Ele é. Inclui uma atitude de reverência, devoção e adoração da parte da pessoa que pensa acerca de

Leia mais

Como utilizar este caderno

Como utilizar este caderno INTRODUÇÃO O objetivo deste livreto é de ajudar os grupos da Pastoral de Jovens do Meio Popular da cidade e do campo a definir a sua identidade. A consciência de classe, ou seja, a consciência de "quem

Leia mais

EVANGELIZAÇÃO É AMOR E LUZ É JESUS NO CORAÇÃO

EVANGELIZAÇÃO É AMOR E LUZ É JESUS NO CORAÇÃO EVANGELIZAÇÃO É AMOR E LUZ É JESUS NO CORAÇÃO Lenildo Solano EVANGELIZAÇÃO EM MÚSICA - Sequência Musical: 01- Aula de Evangelização 02- Deus 03- Jesus 04- Anjos da Guarda 05- Oração 06- Espiritismo 07-

Leia mais

Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão

Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão Os Sacramentos estão presentes em cada fase da vida do Cristão A vida litúrgica começa muito cedo. Os Sacramentos são conhecidos como encontros pessoais com Cristo. Também são vistos como sinais da salvação.

Leia mais

Entrada da Palavra: Comentário da Palavra: Permaneçamos em pé para acolher o Livro Santo de Nossa Fé, a Palavra de Deus, cantando.

Entrada da Palavra: Comentário da Palavra: Permaneçamos em pé para acolher o Livro Santo de Nossa Fé, a Palavra de Deus, cantando. Celebração de Encerramento PREPARAR 1. Bíblia e velas para a Procissão de Entrada da Palavra 2. Sementes de girassóis para cada catequista depositar num prato com terra diante do altar durante a homilia

Leia mais

NOVENA DE NATAL 2015. O Natal e a nossa realidade. A jovem concebeu e dará à luz um filho, e o chamará pelo nome de Emanuel.

NOVENA DE NATAL 2015. O Natal e a nossa realidade. A jovem concebeu e dará à luz um filho, e o chamará pelo nome de Emanuel. NOVENA DE NATAL 2015 O Natal e a nossa realidade A jovem concebeu e dará à luz um filho, e o chamará pelo nome de Emanuel. (Is 7,14) APRESENTAÇÃO O Natal se aproxima. Enquanto renovamos a esperança de

Leia mais

A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa.

A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa. Encontro com a Palavra Agosto/2011 Mês de setembro, mês da Bíblia 1 encontro Nosso Deus se revela Leitura Bíblica: Gn. 12, 1-4 A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa. Boas

Leia mais

Um Catecismo Batista Livre

Um Catecismo Batista Livre Um Catecismo Batista Livre Paul V. Harrison* A palavra mais comum no Novo Testamento traduzida como ensinar é a palavra grega didasko, do qual se deriva a palavra didática. Outra palavra grega traduzida

Leia mais

NOVENA DOS PAIS QUE ORAM PELOS FILHOS

NOVENA DOS PAIS QUE ORAM PELOS FILHOS Pe. Nilton César Boni, cmf NOVENA DOS PAIS QUE ORAM PELOS FILHOS EDITORA AVE-MARIA Apresentação Aos membros da família cristã podem aplicar-se de modo particular as palavras com que Cristo promete a sua

Leia mais

Disciplina: Ensino Religioso Professor(a): Rosemary de Souza Gelati

Disciplina: Ensino Religioso Professor(a): Rosemary de Souza Gelati ESCOLA VICENTINA SÃO VICENTE DE PAULO Disciplina: Ensino Religioso Professor(a): Rosemary de Souza Gelati Paranavaí / / 6º ANO TRADIÇÕES RELIGIOSAS TEXTOS SAGRADOS Se as religiões estão para humanizar

Leia mais

MEDIUNIDADE COM JESUS CRÔNICAS DO ALÉM TÚMULO DE HUMBERTO DE CAMPOS- PSICOGRAFIA DE CHICO XAVIER

MEDIUNIDADE COM JESUS CRÔNICAS DO ALÉM TÚMULO DE HUMBERTO DE CAMPOS- PSICOGRAFIA DE CHICO XAVIER MEDIUNIDADE COM JESUS CRÔNICAS DO ALÉM TÚMULO DE HUMBERTO DE CAMPOS- PSICOGRAFIA DE CHICO XAVIER 1 REUNIDO ESTAVA O REINO DAS SOMBRAS. E O PODEROSO CHEFE DAS TREVAS. ESTAVA PREOCUPADO COM O ESPIRITISMO

Leia mais

Nesta nova série Os Discursos de Jesus vamos aprofundar as Palavras de Jesus :- seus discursos, suas pregações e sermões. Ele falou aos seus

Nesta nova série Os Discursos de Jesus vamos aprofundar as Palavras de Jesus :- seus discursos, suas pregações e sermões. Ele falou aos seus Nesta nova série Os Discursos de Jesus vamos aprofundar as Palavras de Jesus :- seus discursos, suas pregações e sermões. Ele falou aos seus apóstolos na intimidade, falou a um grupo maior que se aproximava

Leia mais

Aspetos inclusivos e exclusivos na fé nova-apostólica

Aspetos inclusivos e exclusivos na fé nova-apostólica Igreja Nova Apostólica Internacional Aspetos inclusivos e exclusivos na fé nova-apostólica Depois de, na última edição, termos abordado os aspetos inclusivos e exclusivos no Antigo e no Novo Testamento,

Leia mais

CELEBRAÇÃO ARCIPRESTAL DA EUCARISTIA EM ANO DA FÉ

CELEBRAÇÃO ARCIPRESTAL DA EUCARISTIA EM ANO DA FÉ CELEBRAÇÃO ARCIPRESTAL DA EUCARISTIA EM ANO DA FÉ SEIA 23 DE JUNHO 2013 ENTRADA NÓS SOMOS AS PEDRAS VIVAS DO TEMPLO DO SENHOR, NÓS SOMOS AS PEDRAS VIVAS DO TEMPLO DO SENHOR, POVO SACERDOTAL, IGREJA SANTA

Leia mais

Educação Moral e Religiosa Católica. O Islamismo. Colégio do Amor de Deus

Educação Moral e Religiosa Católica. O Islamismo. Colégio do Amor de Deus Educação Moral e Religiosa Católica O Colégio do Amor de Deus Educação moral e Religiosa Católica 00 estrutura Colégio do Amor de Deus 00 estrutura 00 estrutura 01 definição 02 génese 03 estudo história

Leia mais

SOLENE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA

SOLENE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA SOLENE CELEBRAÇÃO EUCARÍSTICA Antes da Solene celebração, entregar a lembrança do centenário No Final terá um momento de envio onde cada pessoa reassumirá a missão. O sinal deste momento será a colocação

Leia mais

É verdade que só começo um livro quando descubro uma pluma branca. Isso é um ritual que me impus apesar se só escrever uma vez cada dois anos.

É verdade que só começo um livro quando descubro uma pluma branca. Isso é um ritual que me impus apesar se só escrever uma vez cada dois anos. 1) Como está sendo a expectativa do escritor no lançamento do livro Ser como um rio que flui? Ele foi lançado em 2006 mas ainda não tinha sido publicado na língua portuguesa, a espera do livro pelos fãs

Leia mais

Juniores aluno 7. Querido aluno,

Juniores aluno 7. Querido aluno, Querido aluno, Por acaso você já se perguntou algumas destas questões: Por que lemos a Bíblia? Suas histórias são mesmo verdadeiras? Quem criou o mundo? E o homem? Quem é o Espírito Santo? Por que precisamos

Leia mais

ASSEMBLEIA DO RENOVAMENTO CARISMÁTICO DA DIOCESE DO PORTO 21 de Abril de 2012

ASSEMBLEIA DO RENOVAMENTO CARISMÁTICO DA DIOCESE DO PORTO 21 de Abril de 2012 ASSEMBLEIA DO RENOVAMENTO CARISMÁTICO DA DIOCESE DO PORTO 21 de Abril de 2012 Mantendo-vos, portanto, firmes, tendo cingido os vossos rins com a verdade, vestindo a couraça da justiça e calçando os pés

Leia mais

Religião e Espiritualidade

Religião e Espiritualidade Religião e Espiritualidade Há mais coisas entre o céu e a terra do que sonha vossa vã filosofia. Shakespeare A Mudança de Modelos Mentais O que é Religião? O que é espiritualidade? O que é Meditação? Como

Leia mais

Sagrado Coração de Jesus

Sagrado Coração de Jesus Trezena em honra ao Sagrado Coração de Jesus Com reflexões sobre suas doze promessas a Santa Margarida Maria de Alacoque EDITORA AVE-MARIA Introdução Antes de o prezado leitor iniciar esta Trezena em honra

Leia mais

O CAMINHO PARA A ESPIRITUALIDADE

O CAMINHO PARA A ESPIRITUALIDADE José Carlos Pezini Luis Alexandre Ribeiro Branco O CAMINHO PARA A ESPIRITUALIDADE Uma Espiritualidade Cristocêntrica 1 Revisão: Bruna Perrella Brito 2 Prefácio Introdução 1 Índice O Que é Espiritualidade

Leia mais

Obs.: José recebeu em sonho a visita de um anjo que lhe disse que seu filho deveria se chamar Jesus.

Obs.: José recebeu em sonho a visita de um anjo que lhe disse que seu filho deveria se chamar Jesus. Anexo 2 Primeiro momento: contar a vida de Jesus até os 12 anos de idade. Utilizamos os tópicos abaixo. As palavras em negrito, perguntamos se eles sabiam o que significava. Tópicos: 1 - Maria e José moravam

Leia mais

A Bíblia é para nós, cristãos, o ponto de referência de nossa fé, uma luz na caminhada de nossa vida.

A Bíblia é para nós, cristãos, o ponto de referência de nossa fé, uma luz na caminhada de nossa vida. LITURGIA DA PALAVRA A Palavra de Deus proclamada e celebrada - na Missa - nas Celebrações dos Sacramentos (Batismo, Crisma, Matrimônio...) A Bíblia é para nós, cristãos, o ponto de referência de nossa

Leia mais

Consolidação para o Discipulado - 1

Consolidação para o Discipulado - 1 Consolidação para o Discipulado - 1 Fortalecendo o novo convertido na Palavra de Deus Rev. Edson Cortasio Sardinha Consolidador/a: Vida consolidada: 1ª Lição: O Amor de Deus O amor de Deus está presente

Leia mais

ASSINTEC Associação Inter-Religiosa de Educação e Cultura. Organização: Borres Guilouski Diná Raquel D. da Costa

ASSINTEC Associação Inter-Religiosa de Educação e Cultura. Organização: Borres Guilouski Diná Raquel D. da Costa ASSINTEC Associação Inter-Religiosa de Educação e Cultura Organização: Borres Guilouski Diná Raquel D. da Costa CANÇÃO Borres Guilouski Somos diversos E somos plurais Somos diferentes E somos iguais Respeito

Leia mais

Glória! Glória! Glória! Glória ao Senhor! Glória pelos séculos sem fim!

Glória! Glória! Glória! Glória ao Senhor! Glória pelos séculos sem fim! Page 1 of 6 GUIÃO DA CELEBRAÇÃO DA 1ª COMUNHÃO 2006 Ambientação Irmãos: Neste Domingo, vamos celebrar e viver a Eucaristia com mais Fé e Amor e também de uma maneira mais festiva, já que é o dia da Primeira

Leia mais

Aula 5.2 Conteúdo: As grandes Religiões de matriz Orientais Hinduísmo - Índia Budismo - Índia Taoísmo - China Xintoísmo - Japão ENSINO RELIGIOSO

Aula 5.2 Conteúdo: As grandes Religiões de matriz Orientais Hinduísmo - Índia Budismo - Índia Taoísmo - China Xintoísmo - Japão ENSINO RELIGIOSO A Aula 5.2 Conteúdo: As grandes Religiões de matriz Orientais Hinduísmo - Índia Budismo - Índia Taoísmo - China Xintoísmo - Japão 2 A Habilidades: Identificas as diferenças e semelhanças entre as religiões

Leia mais

CSLD centro para desenvolvimento da vida espiritual

CSLD centro para desenvolvimento da vida espiritual *Adaptado de inúmeras versões Cristo comigo, Cristo à minha frente, Cristo atrás de mim, Cristo em mim, Cristo abaixo de mim, Cristo sobre mim, Cristo a minha direita, Cristo a minha esquerda, Cristo quando

Leia mais

Os Mandamentos da Igreja

Os Mandamentos da Igreja Os Mandamentos da Igreja Por Marcelo Rodolfo da Costa Os mandamentos da Igreja situam-se na linha de uma vida moral ligada à vida litúrgica e que dela se alimenta CIC 2041 Os Mandamentos da Igreja tem

Leia mais

ROSÁRIO ANGLICANO. contemplativa nos diversos níveis da tradição cristã.

ROSÁRIO ANGLICANO. contemplativa nos diversos níveis da tradição cristã. ROSÁRIO ANGLICANO contemplativa nos diversos níveis da tradição cristã. O Círculo do Rosário Anglicano simboliza a roda do tempo; na tradição cristã o número 4 representa os quatro braços da cruz: quando

Leia mais

A morte nunca foi algo estranho para Deus.

A morte nunca foi algo estranho para Deus. Parece estranho pensar no luto de Deus, mas esta idéia é bem apropriada para falarmos do sentimento do Criador diante da morte de suas criaturas, em especial da morte dos seres humanos. O Luto de Deus

Leia mais

Por Rogério Soares Coordenador Estadual da RCC São Paulo Grupo de Oração Kénosis

Por Rogério Soares Coordenador Estadual da RCC São Paulo Grupo de Oração Kénosis Grupos de Oração sem a experiência do Batismo no Espírito Santo, exercício dos carismas e o cultivo da vivência fraterna, revelam uma face desfigurada da RCC. Reflitamos a esse respeito tendo por base

Leia mais

Mensagem 66. O que é vida religiosa? O que é consciência religiosa?

Mensagem 66. O que é vida religiosa? O que é consciência religiosa? Mensagem 66 Caldes de Malavella, Gerona (Espanha). 12 Março, 2004 O que é vida religiosa? O que é consciência religiosa? Dezoito percepções são relatadas abaixo, em analogia aos dezoito capítulos do Bhagwat

Leia mais

Cultura Religiosa. Prof. Ismar Dias de Matos

Cultura Religiosa. Prof. Ismar Dias de Matos Cultura Religiosa Prof. Ismar Dias de Matos I s l a m i s m o A partir de 20/01/2007, os islâmicos entraram no ano 1428. O que não é Islamismo O Islamismo não deve ser associado aos extremismos e fanatismos

Leia mais

18 Estudos Bíblicos para Evangelismo e Discipulado

18 Estudos Bíblicos para Evangelismo e Discipulado LIÇÃO 1 - EXISTE UM SÓ DEUS 18 Estudos Bíblicos para Evangelismo e Discipulado A Bíblia diz que existe um único Deus. Tiago 2:19, Ef. 4 1- O Deus que Criou Todas as coisas, e que conduz a sua criação e

Leia mais

PRINCÍPIOS DE LITURGIA

PRINCÍPIOS DE LITURGIA PRINCÍPIOS DE LITURGIA PRINCÍPIOS DE LITURGIA - PREÂMBULO - Em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo, nós, legítimos representantes da Igreja Presbiteriana do Brasil, reunidos em Supremo Concílio,

Leia mais

IV FÓRMULAS DE BÊNÇÃO PARA LAUDES E VÉSPERAS

IV FÓRMULAS DE BÊNÇÃO PARA LAUDES E VÉSPERAS IV FÓRMULAS DE BÊNÇÃO PARA LAUDES E VÉSPERAS I. Nas celebrações do Tempo Advento Deus omnipotente e misericordioso, que vos dá a graça de comemorar na fé a primeira vinda do seu Filho Unigénito e de esperar

Leia mais

BATISMO HISTÓRIA E SIGNIFICADO

BATISMO HISTÓRIA E SIGNIFICADO BATISMO HISTÓRIA E SIGNIFICADO 1 INTRODUÇÃO Jesus mandou seus discípulos: Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; ensinando-os a

Leia mais

Celebração Comunitária do SACRAMENTO DO BAPTISMO

Celebração Comunitária do SACRAMENTO DO BAPTISMO Celebração Comunitária do SACRAMENTO DO BAPTISMO O Baptismo, porta da vida e do reino, é o primeiro sacramento da nova lei, que Cristo propôs a todos para terem a vida eterna, e, em seguida, confiou à

Leia mais

A POTÊNCIA ESPIRITUAL DO MANTRA

A POTÊNCIA ESPIRITUAL DO MANTRA A POTÊNCIA ESPIRITUAL DO MANTRA Texto extraído do livro Reflexões sobre a identidade espiritual dos santos nomes, de C. Swami Todos os mantras védicos (aqueles que provêm dos Srutis Rig, Sama, Yajur e

Leia mais

A ESPIRITUALIDADE: UM ALICERCE PARA O ENVELHECIMENTO ATIVO. Profª Dra Leoni Zenevicz Universidade Federal da Fronteira Sul -UFFS

A ESPIRITUALIDADE: UM ALICERCE PARA O ENVELHECIMENTO ATIVO. Profª Dra Leoni Zenevicz Universidade Federal da Fronteira Sul -UFFS I SEMINÁRIO ESTADUAL SOBRE ENVELHECIMENTO ATIVO A ESPIRITUALIDADE: UM ALICERCE PARA O ENVELHECIMENTO ATIVO Profª Dra Leoni Zenevicz Universidade Federal da Fronteira Sul -UFFS ESTAÇÕES DA VIDA... PRIMAVERA..

Leia mais

As Dez ofensas contra o Santo Nome

As Dez ofensas contra o Santo Nome As Dez ofensas contra o Santo Nome A. C. Bhaktivedanta Swami Prabhupada Fundador Acharya da ISKCON IRM BRASIL www.iskconirm.com 2009 1 Srila Prabhupada Texto do Padma Purana Brahma Khanda 25.15 18 As Dez

Leia mais

Sites. www.bemestareconhecimento.weebly.com www.universoholisticodoser.weebly.com. Skype: filha.da.mata

Sites. www.bemestareconhecimento.weebly.com www.universoholisticodoser.weebly.com. Skype: filha.da.mata Sites www.bemestareconhecimento.weebly.com www.universoholisticodoser.weebly.com Skype: filha.da.mata Ritual para o Conselho Cármico Todas as pessoas encarnadas, nesta noite de 31 de (março, junho, setembro

Leia mais

Palestra Virtual. Tema: Reuniões Mediúnicas. Palestrante: Carlos Feitosa. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.

Palestra Virtual. Tema: Reuniões Mediúnicas. Palestrante: Carlos Feitosa. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org. Palestra Virtual Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: Reuniões Mediúnicas Palestrante: Carlos Feitosa Rio de Janeiro 04/10/2002 Organizadores da Palestra: Moderador: "_Alves_"

Leia mais

CANTOS - Novena de Natal

CANTOS - Novena de Natal 1 1 - Refrão Meditativo (Ritmo: Toada) D A7 D % G Em A7 % Onde reina o amor, frater---no amor. D A7 D % G A7 D Onde reina o amor, Deus aí está! 2 - Deus Trino (Ritmo: Balada) G % % C Em nome do Pai / Em

Leia mais

Lembrança da Primeira Comunhão

Lembrança da Primeira Comunhão Lembrança da Primeira Comunhão Jesus, dai-nos sempre deste pão Meu nome:... Catequista:... Recebi a Primeira Comunhão em:... de... de... Local:... Pelas mãos do padre... 1 Lembrança da Primeira Comunhão

Leia mais

VIVER ALÉM DA RELIGIOSIDADE

VIVER ALÉM DA RELIGIOSIDADE VIVER ALÉM DA RELIGIOSIDADE É Preciso saber Viver Interpretando A vida na perspectiva da Espiritualidade Cristã Quem espera que a vida seja feita de ilusão Pode até ficar maluco ou morrer na solidão É

Leia mais

Secretaria de Espiritualidade. Colaborar com a Presidente no planejamento da atividade de toda parte devocional da Sociedade.

Secretaria de Espiritualidade. Colaborar com a Presidente no planejamento da atividade de toda parte devocional da Sociedade. Secretaria de Espiritualidade Colaborar com a Presidente no planejamento da atividade de toda parte devocional da Sociedade. O que é liturgia? Roteiro do Culto; Ordem do Culto; Levar as pessoas a disposição

Leia mais

A transmissão da fé na Família. Reunião de Pais. Família

A transmissão da fé na Família. Reunião de Pais. Família A transmissão da fé na Família Reunião de Pais Família Plano Pastoral Arquidiocesano Um triénio dedicado à Família Passar de uma pastoral sobre a Família para uma pastoral para a Família e com a Família

Leia mais

Para evoluir é necessário reencontrar a autenticidade do próprio espírito

Para evoluir é necessário reencontrar a autenticidade do próprio espírito Para evoluir é necessário reencontrar a autenticidade do próprio espírito Autor: Regis Mesquita Blog Nascer Várias Vezes - http://www.nascervariasvezes.com/ "Não ser autêntico é uma forma de evitar aquilo

Leia mais

Personal Commitment Guide. Guia de Compromisso Pessoal

Personal Commitment Guide. Guia de Compromisso Pessoal Personal Commitment Guide Guia de Compromisso Pessoal Nome da Igreja ou Evento Nome do Conselheiro Telefone 1. Salvação >Você já atingiu um estágio na vida em que você tem a certeza da vida eterna e que

Leia mais

Cântico: Dá-nos um coração

Cântico: Dá-nos um coração Cântico: Dá-nos um coração Refrão: Dá-nos um coração, grande para amar, Dá-nos um coração, forte para lutar. 1. Homens novos, criadores da história, construtores da nova humanidade; homens novos que vivem

Leia mais

Hinduísmo Joachim Andrade 1

Hinduísmo Joachim Andrade 1 Hinduísmo Joachim Andrade 1 Hinduísmo Religioso e Cultural O que é o Hinduísmo? Segundo a visão que tem de si o hinduismo não possui origem: é o caminho eterno que segue as regras e exigências básicas

Leia mais

Bandeira Budista. As cinco cores da bandeira reflectem as cores da aura que emanou do corpo de Buda quando este alcançou a Iluminação

Bandeira Budista. As cinco cores da bandeira reflectem as cores da aura que emanou do corpo de Buda quando este alcançou a Iluminação Budismo Introdução Budismo é uma religião e filosofia baseada nos ensinamentos deixados por Sidarta Gautama, ou Sakyamuni (o sábio do clã dos Sakya), o Buda histórico, que viveu aproximadamente entre 563

Leia mais

A MEDITAÇÃO MAIS EFICAZ PARA ESTA ERA. Sri Sanatana Gosvami também diz no Hari-bhakti-vilasa, digdarsini tika:

A MEDITAÇÃO MAIS EFICAZ PARA ESTA ERA. Sri Sanatana Gosvami também diz no Hari-bhakti-vilasa, digdarsini tika: A MEDITAÇÃO MAIS EFICAZ PARA ESTA ERA Texto extraído do livro Reflexões sobre a identidade espiritual dos santos nomes, de C. Swami Algumas vezes os devotos ficam confusos pelas afirmações aparentemente

Leia mais

CONHECIMENTO DA LEI NATURAL. Livro dos Espíritos Livro Terceiro As Leis Morais Cap. 1 A Lei Divina ou Natural

CONHECIMENTO DA LEI NATURAL. Livro dos Espíritos Livro Terceiro As Leis Morais Cap. 1 A Lei Divina ou Natural CONHECIMENTO DA LEI NATURAL Livro dos Espíritos Livro Terceiro As Leis Morais Cap. 1 A Lei Divina ou Natural O que é a Lei Natural? Conceito de Lei Natural A Lei Natural informa a doutrina espírita é a

Leia mais

LIÇÃO 3 S DANIEL 2:1-49

LIÇÃO 3 S DANIEL 2:1-49 Reinos Vindouros LIÇÃO 3 S DANIEL 2:1-49 II. Daniel Interpreta o Sonho de Nabucodonosor sobre os Reinos Vindouros, 2:1-49 A. O sonho e o decreto de Nabucodonosor, 2:1-16 1. Nabucodonosor pede aos sábios

Leia mais

O PAI É MAIOR DO QUE O FILHO

O PAI É MAIOR DO QUE O FILHO O PAI É MAIOR DO QUE O FILHO O PAI É MAIOR DO QUE O FILHO Vós ouviste o que vos disse: Vou e retorno a vós. Se me amásseis, ficaríeis alegres por eu ir para o Pai, porque o Pai é maior do que eu. João

Leia mais

Caminhando Com as Estrelas

Caminhando Com as Estrelas Caminhando Com as Estrelas Espiritualidade que Liberta Com Alessandra França e Jaqueline Salles Caminhando Com as Estrelas Espiritualidade que Liberta Aula 1 Com Alessandra França Temas: O Reino dos Céus

Leia mais

ALIANÇA MUNICIPAL ESPÍRITA DE JUIZ DE FORA (AME-JF) AULA Nº 20 Departamento de Evangelização da Criança (DEC) IDADES: 09/10 PLANO DE AULA

ALIANÇA MUNICIPAL ESPÍRITA DE JUIZ DE FORA (AME-JF) AULA Nº 20 Departamento de Evangelização da Criança (DEC) IDADES: 09/10 PLANO DE AULA ALIANÇA MUNICIPAL ESPÍRITA DE JUIZ DE FORA (AME-JF) AULA Nº 20 Departamento de Evangelização da Criança (DEC) II CICLO B IDADES: 09/10 1. TEMA: Sono e sonhos. PLANO DE AULA 2. OBJETIVO: As crianças deverão

Leia mais

SEICHO-NO-IE DO BRASIL

SEICHO-NO-IE DO BRASIL Janeiro Programa do dia 3 de Janeiro Foco: Palestra e elaboração do Projeto Prosperidade para 2016/ Divulgação da Academia. 09h00 Hino Sagrado 5 09h05 Oração de abertura 5 - Orientador 09h10 Palavras de

Leia mais

QUARESMA TEMPO DE REFLEXÃO E AÇÃO

QUARESMA TEMPO DE REFLEXÃO E AÇÃO QUARESMA TEMPO DE REFLEXÃO E AÇÃO Disponível em: www.seminariomaiordebrasilia.com.br Acesso em 13/03/2014 A palavra Quaresma surge no século IV e tem um significado profundo e simbólico para os cristãos

Leia mais

Lausperene. Senhor Jesus, Eu creio que estais presente no pão da Eucaristia. Senhor, eu creio em Vós.

Lausperene. Senhor Jesus, Eu creio que estais presente no pão da Eucaristia. Senhor, eu creio em Vós. Lausperene Cântico: Dá-nos um coração Refrão: Dá-nos um coração, grande para amar, Dá-nos um coração, forte para lutar. 1. Homens novos, criadores da história, construtores da nova humanidade; homens novos

Leia mais

O amor é o sumum da sabedoria. A sabedoria deve se transmutar em amor, o amor se transmuta em felicidade.

O amor é o sumum da sabedoria. A sabedoria deve se transmutar em amor, o amor se transmuta em felicidade. 1. O Amor O amor é o sumum da sabedoria. A sabedoria deve se transmutar em amor, o amor se transmuta em felicidade. Os germens da sabedoria se transmutam nas flores do amor. O intelecto não pode dar felicidade.

Leia mais

CONSCIÊNCIA CRISTO. V.M. Samael Aun Weor. Gnosisonline.org www.gnosisonline.org

CONSCIÊNCIA CRISTO. V.M. Samael Aun Weor. Gnosisonline.org www.gnosisonline.org CONSCIÊNCIA CRISTO V.M. Samael Aun Weor Gnosisonline.org www.gnosisonline.org 2 1. O Amor O amor é o sumum da sabedoria. A sabedoria deve se transmutar em amor, o amor se transmuta em felicidade. Os germens

Leia mais

OUTRAS ORAÇÕES PAI NOSSO ORAÇÃO A SÃO JERÔNIMO. Pai nosso que estais nos céus. Santificado seja o vosso nome. Venha a nós o vosso reino

OUTRAS ORAÇÕES PAI NOSSO ORAÇÃO A SÃO JERÔNIMO. Pai nosso que estais nos céus. Santificado seja o vosso nome. Venha a nós o vosso reino OUTRAS ORAÇÕES PAI NOSSO Pai nosso que estais nos céus Santificado seja o vosso nome Venha a nós o vosso reino Seja feita a vossa vontade Assim na Terra como no Céu O pão nosso de cada dia nos dai hoje

Leia mais

O futuro da fé, da religião e da ciência

O futuro da fé, da religião e da ciência Aula IV - Ano 2015 O Despertar da Consciência O futuro da fé, da religião e da ciência Claudio C. Conti www.ccconti.com Qual o futuro? 1. A Fé não tem futuro; 2. A Religião não tem futuro; 3. A Ciência

Leia mais

2015 O ANO DO DISCIPULADO

2015 O ANO DO DISCIPULADO IGREJA DE CRISTO NO BRASIL MINISTÉRIO ICRV 2015 O ANO DO DISCIPULADO NOSSA FUNDAÇÃO A Igreja de Cristo no Brasil foi fundada em 13 de dezembro de 1932, na cidade de Mossoró RN. Como organização denominacional,

Leia mais

LEITURA BÍBLICA A BÍBLIA LER

LEITURA BÍBLICA A BÍBLIA LER LEITURA BÍBLICA A BÍBLIA LER INTRODUÇÃO: Qualquer que seja meu objetivo, ler é a atividade básica do aprendizado. Alguém já disse: Quem sabe ler, pode aprender qualquer coisa. Se quisermos estudar a Bíblia,

Leia mais

Músicos, Ministros de Cura e Libertação

Músicos, Ministros de Cura e Libertação Músicos, Ministros de Cura e Libertação João Paulo Rodrigues Ferreira Introdução Caros irmãos e irmãs; escrevo para vocês não somente para passar instruções, mas também partilhar um pouco da minha experiência

Leia mais

LIÇÃO TÍTULO TEXTO PRINCÍPIO VERSÍCULOS-CHAVE ALVOS

LIÇÃO TÍTULO TEXTO PRINCÍPIO VERSÍCULOS-CHAVE ALVOS TEMA CENTRAL Todos os direitos reservados por: MINISTÉRIO IGREJA EM CÉLULAS R. Ver. Antônio Carnasciali, 1661 CEP 81670-420 Curitiba-Paraná Fone/fax: (041) 3276-8655 trabalhoemconjunto@celulas.com.br edile@celulas.com.br

Leia mais

ISLAMISMO. Islã: submissão Muçulmano; o que se submete e rende a Alá

ISLAMISMO. Islã: submissão Muçulmano; o que se submete e rende a Alá ISLAMISMO Islã: submissão Muçulmano; o que se submete e rende a Alá MAOMÉ OU MOHAMMED Maomé (em áraabe:muḥammad ou Moḥammed; Meca. 570 - Medina, 8 de Junho de 632) foi um líder religioso e político árabe.

Leia mais

DECLARAÇÃO DE FÉ 27/06/15 PLANO DE SALVAÇÃO

DECLARAÇÃO DE FÉ 27/06/15 PLANO DE SALVAÇÃO DECLARAÇÃO DE FÉ Pr Josemeire Ribeiro CRM PR 2015 O que é credo? É o que eu creio. PLANO DE SALVAÇÃO QUEDA REDENÇÃO RESTAURAÇÃO Declaração de Fé da IEQ foi compilada por sua fundadora Aimeé Semple McPherson,

Leia mais

DESPREZO PELA IGREJA PROJETO NEEMIAS 2 EFÉSIOS 3.20-21

DESPREZO PELA IGREJA PROJETO NEEMIAS 2 EFÉSIOS 3.20-21 CELEBRANDO A GRAÇA EFÉSIOS 3.20-21 20 Àquele que é capaz de fazer infinitamente mais do que tudo o que pedimos ou pensamos, de acordo com o seu poder que atua em nós, 21 a ele seja a glória na igreja e

Leia mais

O Antigo Testamento tem como seus primeiros livros a TORÀ, ou Livro das leis. É um conjunto de 5 livros.

O Antigo Testamento tem como seus primeiros livros a TORÀ, ou Livro das leis. É um conjunto de 5 livros. O Antigo Testamento tem como seus primeiros livros a TORÀ, ou Livro das leis. É um conjunto de 5 livros. A Torá é o texto mais importante para o Judaísmo. Nele se encontram os Mandamentos, dados diretamente

Leia mais

Dia 24 - DOAR. Você consegue ver mudanças internas?

Dia 24 - DOAR. Você consegue ver mudanças internas? Jesus deu a resposta aos fariseus naquele dia. Portanto, deem aos pobres o que está dentro dos seus copos e dos seus pratos, e assim tudo ficará limpo para vocês. (Lc 11.41). Com aquela Palavra, Ele tocou

Leia mais

Álbum: O caminho é o Céu

Álbum: O caminho é o Céu Álbum: O caminho é o Céu ETERNA ADORAÇÃO Não há outro Deus que seja digno como tu. Não há, nem haverá outro Deus como tu. Pra te adorar, te exaltar foi que eu nasci, Senhor! Pra te adorar, te exaltar foi

Leia mais

BOLETIM DA IGREJA APOSTÓLICA

BOLETIM DA IGREJA APOSTÓLICA O SAGRADO DEVER DOS FILHOS DE DEUS QUANTO À MANUTENÇÃO OBRA Estimados Irmãos e Irmãs apostólicos! Confiamos que todos desejam ver a nossa amada Igreja crescer e progredir! Crescer em santidade, em amor

Leia mais

SUGESTÃO DE PROGRAMA PARA CELEBRAR O DIA DA BÍBLIA. (2º domingo de dezembro)

SUGESTÃO DE PROGRAMA PARA CELEBRAR O DIA DA BÍBLIA. (2º domingo de dezembro) SUGESTÃO DE PROGRAMA PARA CELEBRAR O DIA DA BÍBLIA (2º domingo de dezembro) Extraído de Nós e a Criança, n. 19, 2004 produzido pelo Departamento Regional de Trabalho com crianças 1ªRE B ênçãos constantes

Leia mais

Você foi criado para tornar-se semelhante a Cristo

Você foi criado para tornar-se semelhante a Cristo 4ª Semana Você foi criado para tornar-se semelhante a Cristo I- CONECTAR: Inicie o encontro com dinâmicas que possam ajudar as pessoas a se conhecer e se descontrair para o tempo que terão juntas. Quando

Leia mais

O ESTÁGIO DE PURIFICAÇÃO ATRAVÉS DO CANTAR

O ESTÁGIO DE PURIFICAÇÃO ATRAVÉS DO CANTAR O ESTÁGIO DE PURIFICAÇÃO ATRAVÉS DO CANTAR Texto extraído do livro Reflexões sobre a identidade espiritual dos santos nomes, de C. Swami Quando, sem suficiente compreensão verdadeira do santo nome (nama-tattva)

Leia mais

BAPAK FALA AOS CANDIDATOS

BAPAK FALA AOS CANDIDATOS BAPAK FALA AOS CANDIDATOS PRÓLOGO Subud é um contacto com o poder de Deus Todo Poderoso. Para as pessoas que consideram difícil aceitar tal afirmação, Subud pode ser descrito como a realidade mais além

Leia mais

Dia 11. Tornando-se amigo de Deus

Dia 11. Tornando-se amigo de Deus Dia 11 Tornando-se amigo de Deus Como tivemos restaurada a nossa amizade com Deus pela morte de seu Filho, enquanto éramos seus inimigos, certamente seremos libertos da punição eterna por meio de sua vida.

Leia mais

O projeto será aplicado em turmas da 3ª série do ensino fundamental, na faixa etária entre 8 e 9 anos.

O projeto será aplicado em turmas da 3ª série do ensino fundamental, na faixa etária entre 8 e 9 anos. 1 TEMA Símbolos religiosos lembranças de uma história 2 SÉRIE 3ª série ou 1ª etapa do ciclo II 3 ALUNO Simone do Rocio Sueke simonesueke@yahoo.com.br 4 OBJETIVOS Perceber a existência de diferentes símbolos

Leia mais

SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO

SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO Quinta-feira depois da Santíssima Trindade ou no Domingo seguinte SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO Solenidade LEITURA I Ex 24, 3-8 «Este é o sangue da aliança que Deus firmou convosco» Leitura do Livro

Leia mais

Jörg Garbers, Mestre de Teologia

Jörg Garbers, Mestre de Teologia Jörg Garbers, Mestre de Teologia Introdução Pregação e prática Durante essa pregação uns vão pensar: Eu fiz e faço muitas coisas de maneira errada. Isso é normal. Cada um de nos falha e ficamos tristes.

Leia mais

Aula 5.1 Conteúdo: As grandes Religiões de matriz ocidental Judaísmo Cristianismo Islamismo ENSINO RELIGIOSO CONTEÚDO E HABILIDADES

Aula 5.1 Conteúdo: As grandes Religiões de matriz ocidental Judaísmo Cristianismo Islamismo ENSINO RELIGIOSO CONTEÚDO E HABILIDADES CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Aula 5.1 Conteúdo: As grandes Religiões de matriz ocidental Judaísmo Cristianismo Islamismo 2 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO

Leia mais

CELEBRAÇÃO DO MATRIMÓNIO

CELEBRAÇÃO DO MATRIMÓNIO CELEBRAÇÃO DO MATRIMÓNIO Assinatura do Registo A assinatura do Registo será colocada na Liturgia, conforme prática local ou critério do Oficiante. Celebração da Santa Ceia No caso de ser pedida a Celebração

Leia mais