Análise da Mobilidade das Famílias Portuguesas ESTUDO QUANTITATIVO. Análise da Mobilidade das Famílias Portuguesas. APEME MAIO de 2008.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Análise da Mobilidade das Famílias Portuguesas ESTUDO QUANTITATIVO. Análise da Mobilidade das Famílias Portuguesas. APEME MAIO de 2008."

Transcrição

1 ESTUDO QUANTITATIVO Análise da Mobilidade das Famílias Portuguesas Análise da Mobilidade das Famílias Portuguesas APEME MAIO de 2008

2 OBJECTIVOS OBJECTIVOS Com o presente estudo pretendeu-se identificar e quantificar os níveis de mobilidade das famílias portuguesas, isto é, a prática de exercício e actividades ao ar livre em contexto familiar, bem como a relevância e predisposição para o desenvolvimento das mesmas. OBJECTIVOS ESPECÍFICOS: 1. Atitudes relativamente à prática de exercício físico em família 1.1 Interesse e relevância da actividade física em família 1.2 Motivações e inibições para a prática de exercício físico em família 1.3 benefícios perceptivos deste tipo de actividades 2. Comportamentos de exercício físico e actividades ao ar livre 2.1 Prática actual de exercício físico (individual e em família / grupo) 2.2 Tipo de actividades praticadas 2.3 Eventuais acompanhantes na prática desportiva 2.4 Regularidade e frequência da prática de exercício físico 2.5 Locais onde praticam estas actividades

3 OBJECTIVOS OBJECTIVOS 3. Avaliação da oferta actual de infra-estruturas de apoio ao exercício físico e actividades ao ar livre 3.1 Avaliação da oferta considerando a zona envolvente de residência 3.2 Responsáveis perceptivos pela implementação / manutenção de espaços para a prática desportiva 3.3 Avaliação da oferta a nível nacional 3.4 Relevância da oferta de equipamentos na perspectiva de mobilizar e motivar para a prática de exercício físico 4. Expectativas face à prática de exercício físico e actividades de ar livre no futuro 4.1 Permeabilidade a um maior desenvolvimento de actividades desportivas em família 4.2 Elementos de motivação para uma maior prática de exercício físico 4.3 Tipo de actividades / equipamentos mais valorizados 4.4 Intenções de utilização de eventuais espaços ao ar livre, caso existissem perto da respectiva área de residência

4 METODOLOGIA METODOLOGIA NATUREZA DO PROJECTO Estudo Quantitativo UNIVERSO Casais com idades entre os 25 e os 45 anos, com filhos, residentes em Portugal MÉTODO DE RECOLHA DE INFORMAÇÃO Entrevistas Telefónicas, suportadas por sistema CATI (Computer Assisted Telephone Interview). As entrevistas tiveram uma duração de, aproximadamente, 15 minutos. O trabalho de campo decorreu entre o dia 18 de Abril e 5 de Maio de Estiveram envolvidos neste projecto uma equipa de 54 entrevistadores. AMOSTRA Realizaram-se 1203 entrevistas, com quotas de selecção nas variáveis sexo e região, considerando uma distribuição proporcional ao Universo. TRATAMENTO DOS DADOS Após verificação e validação dos questionários procedeu-se à análise estatística, com recurso a análises descritivas.

5 AMOSTRA AMOSTRA Sexo Masculino 48% Feminino 52% Idade anos 32% anos 68% Região Norte 35% Centro 17% Lisboa e Vale do 33% Tejo Alentejo 5% Algarve 4% Madeira 3% Açores 3% Nº de Filhos 1 48% 2 45% 3 ou mais 7% Idade dos filhos 0 a 2 anos 20% 3 a 5 anos 25% 6 a 10 anos 33% 11 a 13 anos 14% 14 a 17 anos 13% 18 ou mais anos 8% TOTAL DE ENTREVISTADOS = 1203

6 A AVALIAÇÃO DA OFERTA ACTUAL DE ESPAÇOS DESPORTIVOS AO AR LIVRE

7 A AVALIAÇÃO A AVALIAÇÃO DA OFERTA DA OFERTA DE ESPAÇOS DE ESPAÇOS AO AO AR AR LIVRE LIVRE 57% dos entrevistados concordam com a afirmação DE UMA FORMA GERAL AS CIDADES PORTUGUESAS NÃO TÊM CONDIÇÕES PARA A PRÁTICA DE EXERCÍCIO E ACTIVIDADES AO AR LIVRE 66% dos entrevistados concordam com a afirmação UMA DAS PRINCIPAIS RAZÕES PORQUE AS CRIANÇAS PORTUGUESAS COMEÇAM A TER PROBLEMAS DE OBESIDADE É O FACTO DE NAS CIDADES NÃO HAVER ESPAÇOS AO AR LIVRE ONDE POSSAM CORRER E BRINCAR (n=1203)

8 A AVALIAÇÃO DA OFERTA DE ESPAÇOS AO AR LIVRE (LOCAIS) A AVALIAÇÃO DA OFERTA DE ESPAÇOS AO AR LIVRE (LOCAIS) AVALIAÇÃO DA OFERTA ACTUAL Em que medida é que considera que a sua cidade / zona está bem servida de equipamentos desportivos de ar livre (parques, ciclovias, jardins, etc) 69% 6% 25% 36% 22% 11% Muito bem servida Bem servida Razoavel mente servi da Mal servida Muito mal servida (n=1203) Região Norte e Madeira com avaliações mais positivas PERCEPÇÕES ACERCA DA RESPONSABILIDADE Na sua opinião a quem se deve essa situação? Avaliação positiva Autarquias 87% Administração Central 14% Entidades privadas 6% Avaliação moderada Autarquias 84% Administração Central 15% Entidades privadas 3% Avaliação negativa Autarquias 90% Administração Central 20% Entidades privadas 3% (n=372) (n=432) (n=394)

9 A RELEVÂNCIA DA A RELEVÂNCIA OFERTA DE ESPAÇOS DA OFERTA AO DE AR ESPAÇOS LIVRE PARA AO AR LIVRE PARA A PROMOÇÃO A PROMOÇÃO DO DO EXERCÍCIO FÍSICO 70% dos entrevistados concordam com a afirmação O PROBLEMA DE NÃO SE PRATICAREM MAIS ACTIVIDADES DESPORTIVAS E DE AR LIVRE NÃO É A FALTA DE ESPAÇOS, MAS SIM AS MENTALIDADES E ATITUDES DOS PORTUGUESES FACE A ESTE TEMA Contudo 90% dos entrevistados concordam com a afirmação PARA MUDAR MENTALIDADES E LEVAR A QUE AS PESSOAS PRATIQUEM MAIS EXERCÍCIO FÍSICO É NECESSÁRIO, ANTES DE TUDO, QUE SE CRIEM AS CONDIÇÕES PARA TAL (n=1203)

10 A RELEVÂNCIA E A PREDISPOSIÇÃO PARA UM MAIOR DESENVOLVIMENTO DE ACTIVIDADES DESPORTIVAS AO AR LIVRE

11 AS PRIORIDADES NO MOMENTO ACTUAL AS PRIORIDADES NO MOMENTO ACTUAL Gostaria de começar por lhe referir um conjunto de aspectos e gostaria que me dissesse qual ou quais os que considera que seriam mais relevantes actualmente na sua vida. Utilize, por favor, uma escala de 1 a 10, em que 1 corresponde a nada relevante e 10, muitíssimo relevante. (n=1203)

12 AS INTENÇÕES AS INTENSÕES FACE FACE À ADESÃO À ADESÃO A ESPAÇOS A ESPAÇOS DE DE AR AR LIVRE LIVRE 83% dos entrevistados concordam com a afirmação SE TIVESSE UM ESPAÇO AO AR LIVRE PERTO DE MIM TENHO A CERTEZA QUE TENDERIA A PRATICAR MAIS ACTIVIDADES DE AR LIVRE COM A MINHA FAMÍLIA 80% dos entrevistados concordam com a afirmação SE TIVESSE UM ESPAÇO AO AR LIVRE ONDE PUDESSE PRATICAR ACTIVIDADES DESPORTIVAS PERTO DE MIM TENHO A CERTEZA QUE ACABARIA POR FAZER MAIS EXERCÍCIO FÍSICO (n=1203)

13 AS CONSEQUÊNCIAS PERCEPTIVAS CONSEQUÊNCIAS DO USUFRUTO DOS PERCEPTIVAS ESPAÇOS DO AO USUFRUTO AR LIVRE DOS ESPAÇOS AO AR LIVRE 72% dos entrevistados concordam com a afirmação SE TIVESSE OPORTUNIDADE DE FREQUENTAR ESTE TIPO DE ESPAÇOS, PENSO QUE ACABARIA POR PASSAR MAIS TEMPO COM A FAMÍLIA (n=1203)

14 EXPECTATIVAS FACE A EVENTUAIS NOVOS ESPAÇOS DESPORTIVOS AO AR LIVRE

15 IMPORTÂNCIA ATRIBUÍDA A EVENTUAIS A IMPORTÂNCIA NOVOS ATRIBUÍDA ESPAÇOS A EVENTUAIS AO AR LIVRE NOVOS ESPAÇOS AO AR LIVRE Para terminar até que ponto seria importante para si ter acesso a um espaço ao ar livre onde pudesse praticar exercício físico e passar algum tempo livre com a sua família? (n=1203)

16 TIPO TIPO DE DE EQUIPAMENTOS MAIS MAIS VALORIZADOS NUM ESPAÇO ESPAÇO DESPORTIVO DESPORTIVO AO AR AO LIVRE AR LIVRE E que tipo de equipamentos seriam mais vantajosos para este espaço? Utilize, por favor, uma escala de 1 a 10, em que 1 corresponde a nada importante Em espontâneo (n=1203)

17 INTENÇÕES DE UTILIZAÇÃO INTENÇÕES DE EVENTUAIS DE UTILIZAÇÃO NOVOS ESPAÇOS DE EVENTUAIS AO AR NOVOS LIVRE ESPAÇOS AO AR LIVRE Até que ponto acha que poderia utilizar este tipo de espaços conjuntamente com a sua família? (n=1203)

18 PRINCIPAIS PRINCIPAIS BENEFICIÁRIOS DE DE ESPAÇOS AO AO AR AR LIVRE Vamos supor que perto de si se iria construir um parque com equipamentos desportivos e de lazer para adultos e crianças. Na sua opinião quais os membros da sua família que iriam utilizar mais este espaço? (n=1203)

19 PRINCIPAIS CONCLUSÕES DO ESTUDO

20 ESPAÇOS PARA ACTIVIDADE AO AR LIVRE 69% considera que a sua cidade/zona não está bem servida de equipamentos desportivos ao ar livre 98% considera muito importante ter acesso a um espaço ao ar livre onde pudesse praticar exercício físico e passar o tempo livre com a família 83% concordam que se tivessem um espaço ao ar livre perto da sua residência, praticariam mais actividade ao ar livre com a família 72% refere que se tivessem oportunidade de frequentar este tipo de espaços, passariam mais tempo com a família

21 RESPONSABILIDADE PARA A CRIAÇÃO DOS ESPAÇOS 90% considera que para mudar mentalidades e levar as pessoas a praticarem mais exercício físico é necessário, antes de tudo, que se criem as condições para tal 90% considera que esta responsabilidade é das autarquias

22 PRIORIDADES DOS INQUIRIDOS 1ª - Mais tempo para a família (94%) 2ª - Mais dinheiro (89%) 7ª - Emprego estável (77%) 8ª - Viajar para o estrangeiro (70%)

23 EQUIPAMENTOS MAIS VALORIZADOS Parque Infantil (85%) Circuito Manutenção Seniores (84%)

Questionário: Liderança estratégica - Sucessão em empresas familiares

Questionário: Liderança estratégica - Sucessão em empresas familiares Questionário: Liderança estratégica - Sucessão em empresas familiares Estudo realizado no âmbito do Mestrado de Ciências Empresariais para elaboração do Trabalho Final de Mestrado. Este questionário está

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS SETEMBRO DE 2012 JOB2213 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL Levantar junto aos eleitores da área em estudo opiniões

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS ABRIL/ MAIO DE 2016 JOB0510 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL O projeto tem por objetivo levantar o cenário eleitoral

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE AS ELEIÇÕES 2014

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE AS ELEIÇÕES 2014 PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE AS ELEIÇÕES 2014 JULHO DE 2013 JOB1036 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL O principal objetivo desse projeto é levantar um conjunto de informações sobre

Leia mais

ATENUA-SE TENDÊNCIA DECRESCENTE DO NÚMERO DE EDIFÍCIOS LICENCIADOS

ATENUA-SE TENDÊNCIA DECRESCENTE DO NÚMERO DE EDIFÍCIOS LICENCIADOS Licenciamento de Obras Dezembro de 2005 1 09 de Fevereiro de 2006 ATENUA-SE TENDÊNCIA DECRESCENTE DO NÚMERO DE EDIFÍCIOS LICENCIADOS Em Dezembro de 2005, atenuou-se a tendência decrescente da variação

Leia mais

Eleições 2016 São Paulo

Eleições 2016 São Paulo Eleições 06 São Paulo JOB 6_068 Pesquisa registrada no Tribunal Regional Eleitoral sob o protocolo SP-00908/06 Perfil da Amostra Especificações Técnicas - Pesquisa Quantitativa - Objetivo Levantar um conjunto

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS ABRIL DE 2011 JOB604 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL Levantar informações sobre o contexto pré-eleitoral do município

Leia mais

AVALIAÇÃO DO CURSO DE COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL

AVALIAÇÃO DO CURSO DE COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL AVALIAÇÃO DO CURSO DE COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL Outubro 2009 ÍNDICE 1. Introdução 3 2. População e Amostra 3 3. Apresentação de Resultados 4 3.1. Opinião dos alunos de Comunicação Organizacional sobre

Leia mais

INFORMAÇÃO- PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA

INFORMAÇÃO- PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA PROVA 344 INFORMAÇÃO- PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA 12º Ano de Escolaridade CURSOS CIENTÍFICO-HUMANÍSTICOS SOCIOLOGIA ANO LECTIVO 2011/2012 Tipo de prova: Escrita Duração (em minutos): 90 TEMAS CONTEÚDOS

Leia mais

Nome do entrevistado: Telefone: Recusa Não tem Rua : N.º : Andar : Porta : Localidade :

Nome do entrevistado: Telefone: Recusa Não tem Rua : N.º : Andar : Porta : Localidade : SÉRIE N.º FOLHA DE CONTACTOS N.º Nome do entrevistado: Telefone: Recusa Não tem Rua : N.º : Andar : Porta : Localidade : REGISTO DAS VISITAS Modo de Visita Resultado da Visita (Visita = todas as tentativas

Leia mais

Pesquisa em. propaganda. Faccat Profª Me. Taís Vieira

Pesquisa em. propaganda. Faccat Profª Me. Taís Vieira Pesquisa em propaganda Faccat Profª Me. Taís Vieira Tipos de pesquisa - Na escolha da melhor metodologia para uma investigação, tudo depende do que se deseja conhecer: o que e quanto ou como e por quê?

Leia mais

AVALIAÇÃO DO CURSO DE LÍNGUA GESTUAL PORTUGUESA

AVALIAÇÃO DO CURSO DE LÍNGUA GESTUAL PORTUGUESA AVALIAÇÃO DO CURSO DE LÍNGUA GESTUAL PORTUGUESA Setembro 2009 ÍNDICE 1. Introdução 3 2. População e Amostra 3 3. Apresentação de Resultados 4 3.1. Opinião dos alunos de Língua Gestual Portuguesa sobre

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS OUTUBRO DE 2008 JOB1308-13 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL Levantar junto à população da área em estudo opiniões

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS SETEMBRO DE 2012 JOB1306-3 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL Levantar junto aos eleitores da área em estudo opiniões

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS SETEMBRO DE 2016 JOB1328 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO O projeto tem por objetivo geral levantar um conjunto de informações

Leia mais

CREA-GO Tamanho da Amostra: Trabalho realizado para: CREA-GO

CREA-GO Tamanho da Amostra: Trabalho realizado para: CREA-GO 1 Trabalho realizado para: CREA-GO Informações Gerais Objetivos : Identificar a percepção da imagem do Crea-GO e a satisfação dos profissionais registrados. Metodologia: pesquisa quantitativa descritiva

Leia mais

Anexo A. Protocolo do Estudo de Caso

Anexo A. Protocolo do Estudo de Caso Anexo A Protocolo do Estudo de Caso 140 Protocolo do Estudo de Caso - Especificação do Processo de Recolha de Informação O processo de recolha de informação no decorrer do estudo de caso respeita a três

Leia mais

ANGOLA, ESTILOS DE VIDA E CONSUMIDOR 2014

ANGOLA, ESTILOS DE VIDA E CONSUMIDOR 2014 INTRODUÇÃO A Keyresearch é uma empresa de Pesquisa e Estudos de Mercado que está presente no mercado angolano desde 2005, sendo portanto a mais antiga empresa neste ramo em Angola. Sedeada em Luanda, a

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PONTA GROSSA - PR AGOSTO DE 2012 JOB1586-1 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL Levantar junto aos eleitores da área

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS OUTUBRO DE 2012 JOB1006-25 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL Levantar junto aos eleitores da área em estudo opiniões

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS MARÇO DE 2014 JOB0311 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO O principal objetivo desse projeto é levantar a intenção de voto do eleitorado acerca

Leia mais

16/10/2008-1ª pesquisa/2º turno

16/10/2008-1ª pesquisa/2º turno Pesquisa de Intenção de Voto Sucessão Municipal Canoas 16/10/2008-1ª pesquisa/2º turno Porto Alegre, 17 de outubro de 2008. 1 Sumário Apresentação e Metodologia... 3 Intenção de Voto... 5 Avaliação dos

Leia mais

Comportamento empreendedor dos alunos em uma Instituição de Ensino Superior. Cristiane Bertolino

Comportamento empreendedor dos alunos em uma Instituição de Ensino Superior. Cristiane Bertolino Comportamento empreendedor dos alunos em uma Instituição de Ensino Superior Cristiane Bertolino Problema de pesquisa A partir da década de 1990 Visão renovada da empreendedorismo Promover o desenvolvimento

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS SETEMBRO DE 2012 JOB1798-2 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL Levantar junto aos eleitores da área em estudo opiniões

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS MAIO/ JUNHO DE 2012 JOB1227 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL Levantar junto aos eleitores da área em estudo opiniões

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS DEZEMBRO DE 2015 JOB1705 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL O projeto tem por objetivo levantar um conjunto de informações sobre o contexto

Leia mais

UTILIZAÇÃO DAS TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO PELAS FAMÍLIAS 2001

UTILIZAÇÃO DAS TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO PELAS FAMÍLIAS 2001 Informação à Comunicação Social 15 de Março de 22 UTILIZAÇÃO DAS TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO PELAS FAMÍLIAS 21 No terceiro trimestre de 21, cerca de um quarto das famílias portuguesas - 24%

Leia mais

Pesquisa da Copa das Confederações

Pesquisa da Copa das Confederações Pesquisa da Copa das Confederações Maio 2013 Diretoria de Desenvolvimento Econômico e Associativo Gerência de Pesquisas / DIVIP Objetivos Analisar hábitos, atitudes e opiniões dos torcedores adultos em

Leia mais

ESTUDO SOBRE SEGURANÇA NOS LOCAIS DE COMPRA

ESTUDO SOBRE SEGURANÇA NOS LOCAIS DE COMPRA 1 ESTUDO SOBRE SEGURANÇA NOS LOCAIS DE COMPRA 2007 Recolher para Conhecer, Conhecer para Decidir Índice 1 Metodologia 4 2 Síntese 9 3 Análise de Resultados 13 1 Metodologia Objectivos 4 O presente estudo

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE O ESTATUTO DO DESARMAMENTO SETEMBRO DE 2003 OPP 153 OBJETIVO LOCAL ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA - Levantar junto a eleitores da área em estudo opiniões relacionadas

Leia mais

Plano de Seminários TC I Prof. Marcos Procópio

Plano de Seminários TC I Prof. Marcos Procópio Plano de Seminários TC I 2015.2 Prof. Marcos Procópio Os 4 tipos de conhecimento. 1. Quais são? 2. Quais são seus respectivos papeis? 3. Dê exemplos. O que é e o que faz a ciência. 1. O que é ciência?

Leia mais

Relatório. Aplicação dos Questionários de Satisfação dos Cidadãos/Clientes da Consultadoria Jurídica (escrito e telefone) Outubro de 2011

Relatório. Aplicação dos Questionários de Satisfação dos Cidadãos/Clientes da Consultadoria Jurídica (escrito e telefone) Outubro de 2011 Relatório Aplicação dos Questionários de Satisfação dos Cidadãos/Clientes da Consultadoria Jurídica (escrito e telefone) Outubro de 2011 1 Índice Introdução 3 Metodologia 4 Versão Escrita 4 Versão por

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS NOVEMBRO/ DEZEMBRO DE 2013 JOB2726-13 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL Trata-se de uma pesquisa de acompanhamento

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS AGOSTO DE 2012 JOB1092-15 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL Levantar junto aos eleitores da área em estudo opiniões

Leia mais

Detalhamento da Pesquisa

Detalhamento da Pesquisa Projeto Voluntariado Brasil 2011 Job 11/0274 09/12/2011 Detalhamento da Pesquisa Contexto: Estudo geral: Estudo específico: Contribuir com a produção de conhecimento em 2001+10, marcando os 10 anos do

Leia mais

Jogos Olímpicos Rio Maio/2016

Jogos Olímpicos Rio Maio/2016 Jogos Olímpicos Rio 2016 Maio/2016 2 de 45 OBJETIVO Mapear as opiniões e as percepções dos brasileiros em geral e dos moradores da cidade do Rio de Janeiro em relação aos Jogos Olímpicos Rio 2016. AMOSTRA

Leia mais

ESTATÍSTICAS DA FUNDAÇÃO PARA A CIÊNCIA E A TECNOLOGIA (FCT)

ESTATÍSTICAS DA FUNDAÇÃO PARA A CIÊNCIA E A TECNOLOGIA (FCT) ESTATÍSTICAS DA FUNDAÇÃO PARA A CIÊNCIA E A TECNOLOGIA (FCT) EMPREGO CIENTÍFICO Este documento sintetiza a informação sobre as iniciativas promovidas pela FCT para a criação de Emprego Científico para

Leia mais

AMOSTRA DA ATUAL RODADA

AMOSTRA DA ATUAL RODADA SÃO PAULO 2030 OBJETIVO Mapear as opiniões e as percepções dos moradores da cidade da São Paulo em relação a temas do cotidiano e à prestação de políticas públicas, bem como as expectativas em relação

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS JULHO DE 2014 JOB0478-1 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL O projeto tem por objetivo geral levantar um conjunto de

Leia mais

Avaliação da flexibilização do horário do programa de rádio A Voz do Brasil - Março/2014 -

Avaliação da flexibilização do horário do programa de rádio A Voz do Brasil - Março/2014 - Avaliação da flexibilização do horário do programa de rádio A Voz do Brasil - Março/2014 - 2 Objetivo Metodologia Perfil da amostra Programa A Voz do Brasil Transmissão em horário fixo / flexível Importância

Leia mais

Turismo emissivo na cidade de São Paulo: perfil do turista rodoviário

Turismo emissivo na cidade de São Paulo: perfil do turista rodoviário Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo Campus São Paulo Coordenadoria de Turismo e Hospitalidade Curso Superior de Tecnologia em Gestão de Turismo Turismo emissivo na cidade de

Leia mais

Fatores relacionados a prevalência e exclusividade do Aleitamento Materno em Portugal nos primeiros 6 meses de vida

Fatores relacionados a prevalência e exclusividade do Aleitamento Materno em Portugal nos primeiros 6 meses de vida Fatores relacionados a prevalência e exclusividade do Aleitamento Materno em Portugal nos primeiros 6 meses de vida Alarcão V, Ferreira I, Simões R, Fernandes M, Nicola P 17 de Outubro de 2012 Projeto

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS MARÇO DE 2014 JOB0425-2 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL O projeto tem por objetivo levantar informações sobre o

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE CIGARROS E FUMANTES

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE CIGARROS E FUMANTES PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE CIGARROS E FUMANS FEVEREIRO DE 2011 JOB253 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL O estudo tem por objetivo geral levantar opiniões sobre temas relacionados

Leia mais

Transcrição de Entrevista nº 11

Transcrição de Entrevista nº 11 Transcrição de Entrevista nº 11 E Entrevistador E11 Entrevistado 11 Sexo Masculino Idade 25anos Área de Formação Engenharia Informática E - Acredita que a educação de uma criança é diferente perante o

Leia mais

Março/2016 Março/2016

Março/2016 Março/2016 São Paulo 2030 Março/2016 Março/2016 2 de 80 OBJETIVO Mapear as opiniões e as percepções dos moradores da cidade da São Paulo em relação a temas do cotidiano e à prestação de políticas públicas, bem como

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE OEIRAS. Regulamento Municipal para o Programa de Turismo Sénior

CÂMARA MUNICIPAL DE OEIRAS. Regulamento Municipal para o Programa de Turismo Sénior CÂMARA MUNICIPAL DE OEIRAS Regulamento Municipal para o Programa de Turismo Sénior Preâmbulo Considerando a necessidade de apoiar as pessoas idosas, proporcionando-lhes momentos lúdicos, de lazer e de

Leia mais

Pesquisa de Opinião Manaus Eleições Majoritárias 2º Turno

Pesquisa de Opinião Manaus Eleições Majoritárias 2º Turno Pesquisa de Opinião Manaus Eleições Majoritárias 2º Turno - 2016 Número de Registro da Pesquisa Pesquisa registrada no TRE-AM sob o Nº AM-06440/2016 em 03/10/2016 Estatístico Responsável João Caldas do

Leia mais

ORIENTAÇÃO PARA A TAREFA E ORIENTAÇÃO PARA O EGO: A OPINIÃO DOS ATLETAS DA SELECÇÃO PORTUGUESA DE ANDEBOL SUB-20

ORIENTAÇÃO PARA A TAREFA E ORIENTAÇÃO PARA O EGO: A OPINIÃO DOS ATLETAS DA SELECÇÃO PORTUGUESA DE ANDEBOL SUB-20 ORIENTAÇÃO PARA A TAREFA E ORIENTAÇÃO PARA O EGO: A OPINIÃO DOS ATLETAS DA SELECÇÃO PORTUGUESA DE ANDEBOL SUB-20 (2009) Susana Isabel Vicente Ramos Professora na Faculdade de Ciências do Desporto e Educação

Leia mais

Atitudes e valores face ao Trabalho:

Atitudes e valores face ao Trabalho: IV SEMINÁRIO DE ESTUDOS HISTÓRICOS SOBRE O ALGARVE Atitudes e valores face ao Trabalho: A Especificidade do Algarve numa Perspectiva europeia e regional Tavira, 16 de Agosto de 2008 Rui Brites rui.brites@iscte.pt

Leia mais

PROMOÇÃO NOVOS RUMOS

PROMOÇÃO NOVOS RUMOS PROMOÇÃO NOVOS RUMOS ERA UMA VEZ TUDO COMEÇOU DE FORMA INÉDITA por um debate lançado pelo SET sobre o futuro modelo de Promoção Turística RESPOSTA TAMBÉM INÉDITA CTP e associadas AHP, APAVT, AHRESP, APHORT,

Leia mais

Importância das Marcas

Importância das Marcas Importância das Marcas Dihego Pansini de Souza A marca de uma empresa se coloca como um bem intangível, mas, sem dúvida alguma, é um importante diferencial. Na dinâmica atual do mercado já não é mais possível

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS AGOSTO/ SETEMBRO DE 2014 JOB0462-4 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO O projeto tem por objetivo geral levantar um conjunto

Leia mais

RESERVA ESPECIAL DE MAPUTO

RESERVA ESPECIAL DE MAPUTO RESERVA ESPECIAL DE MAPUTO 1 Estrutura do trabalho Capítulo 1- Introdução Capítulo 2- Revisão da literatura Capítulo 3- Metodologia Capítulo 4- Caraterização da área de estudo Capítulo 5- Análise e discussão

Leia mais

Despacho. Assim, nos termos do n.º 1 do artigo 18º do Despacho n.º 5328/2011, de 28 de Março, determino o seguinte:

Despacho. Assim, nos termos do n.º 1 do artigo 18º do Despacho n.º 5328/2011, de 28 de Março, determino o seguinte: Despacho O Despacho n.º 5328/2011, de 28 Março, estabeleceu as regras e os princípios orientadores a observar na organização das escolas e na elaboração do horário semanal de trabalho do pessoal docente

Leia mais

DUQUE DE CAXIAS /RJ PESQUISA ELEITORAL SETEMBRO/2016

DUQUE DE CAXIAS /RJ PESQUISA ELEITORAL SETEMBRO/2016 PESQUISA ELEITORAL DUQUE DE CAXIAS /RJ SETEMBRO/2016 Pesquisa Eleitoral Duque de Caxias / RJ 03 e 04 de setembro de 2016 1 2 1. COMO FOI FEITA A PESQUISA... 4 2. RESPOSTAS... 6 2.1. SE A ELEIÇÃO PARA PREFEITO

Leia mais

GRUPO 4 MOBILIDADE E TRANSPORTES

GRUPO 4 MOBILIDADE E TRANSPORTES GRUPO 4 MOBILIDADE E TRANSPORTES Medidas Propostas Impacto no Município Plano de mobilidade sustentável para os funcionários da autarquia Formação em eco-condução para os gestores de frotas, motoristas

Leia mais

CONSELHO SUPERIOR DE ESTATÍSTICA

CONSELHO SUPERIOR DE ESTATÍSTICA DOCT/1975/CSE/EM 18ª DECISÃO DA SECÇÃO PERMANENTE S MACROECONÓMICAS RELATÓRIO DO GRUPO DE TRABALHO SOBRE CONTAS NACIONAIS E REGIONAIS RELATIVO À ANÁLISE DA PRODUTIVIDADE NOS OUTROS SERVIÇOS Considerando

Leia mais

PLANO DE CURSO. Formação para Profissionais. PORTUGAL ANGOLA MOÇAMBIQUE CABO VERDE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE BRASIL

PLANO DE CURSO. Formação para Profissionais.  PORTUGAL ANGOLA MOÇAMBIQUE CABO VERDE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE BRASIL PLANO DE CURSO PORTUGAL ANGOLA MOÇAMBIQUE CABO VERDE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE BRASIL Formação para Profissionais + 2.000 Cursos Disponíveis A Melhor e Maior Oferta de Formação em Portugal + 1.300 Cursos na

Leia mais

MEMORANDO DE ENTENDIMENTO ENTRE O MINISTÉRIO DA ECONOMIA E DO EMPREGO DA REPUBLICA PORTUGUESA

MEMORANDO DE ENTENDIMENTO ENTRE O MINISTÉRIO DA ECONOMIA E DO EMPREGO DA REPUBLICA PORTUGUESA MEMORANDO DE ENTENDIMENTO ENTRE O MINISTÉRIO DA ECONOMIA E DO EMPREGO DA REPUBLICA PORTUGUESA E O MINISTÉRIO FEDERAL DE TRABALHO E DE ASSUNTOS SOCIAIS DA REPÚBLICA FEDERAL DA ALEMANHA Considerando a necessidade

Leia mais

Impacto do Grau de Controlo da Asma na Utilização de Cuidados de Saúde em Portugal

Impacto do Grau de Controlo da Asma na Utilização de Cuidados de Saúde em Portugal Unidade de Epidemiologia Instituto de Medicina Preventiva Faculdade de Medicina, Universidade de Lisboa Impacto do Grau de Controlo da Asma na Utilização de Cuidados de Saúde em Portugal Violeta Alarcão,

Leia mais

Residentes em Portugal realizaram 15,4 milhões de viagens turísticas em 2010

Residentes em Portugal realizaram 15,4 milhões de viagens turísticas em 2010 PROCURA TURÍSTICA DOS RESIDENTES Janeiro a Dezembro de 2010 30 de Maio de 2011 Residentes em Portugal realizaram 15,4 milhões de viagens turísticas em 2010 Em 2010 foram realizadas cerca de 15,4 milhões

Leia mais

Confira a análise feita por Andréia Schmidt, psicóloga do portal, das respostas apresentadas às questões.

Confira a análise feita por Andréia Schmidt, psicóloga do portal, das respostas apresentadas às questões. Entre os meses de maio e julho de 2009, os alunos do Ensino Fundamental II e do Ensino Médio responderam a um questionário que tinha como objetivo identificar o perfil dos nossos jovens quem são eles,

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ADMINISTRATIVOS CONTRATANTE: Vilmar de Assis Silva CPF: 012233714-09 LAJEDO - PE SETEMBRO DE 2016 CONTATO Fone : 9979 0891 9372 6312 3055 0868 E-mail:

Leia mais

1ª pesquisa SoBrE A CoRrIdA UrBaNa no BrAsIl. TeMa de InTeReSsE SoCiAl discussão sobre mobilidade UrBaNa, o esporte e a vida NaS grandes metrópoles

1ª pesquisa SoBrE A CoRrIdA UrBaNa no BrAsIl. TeMa de InTeReSsE SoCiAl discussão sobre mobilidade UrBaNa, o esporte e a vida NaS grandes metrópoles 1ª pesquisa SoBrE A CoRrIdA UrBaNa no BrAsIl TeMa de InTeReSsE SoCiAl discussão sobre mobilidade UrBaNa, o esporte e a vida NaS grandes metrópoles por quê? Queremos descobrir como os corredores se relacionam

Leia mais

Estimativas de População Residente, Portugal, NUTS II, NUTS III e Municípios

Estimativas de População Residente, Portugal, NUTS II, NUTS III e Municípios Estimativas de População Residente 09 de Junho 2010 Estimativas de População Residente, Portugal, NUTS II, NUTS III e Municípios A evolução demográfica em caracteriza-se por um ligeiro crescimento da população

Leia mais

Horário dos Jogos e Avaliação do Brasileirão

Horário dos Jogos e Avaliação do Brasileirão Horário dos Jogos e Avaliação do Brasileirão Especificações Técnicas - Pesquisa Quantitativa - Datas de campo De 17 a 22 de junho de 2015 Seleção da amostra Aleatória Margem de erro 3 pontos percentuais

Leia mais

Programa "Vasco da Gama" Regulamento

Programa Vasco da Gama Regulamento Programa "Vasco da Gama" Regulamento Artigo 1.º Âmbito 1. O programa Vasco da Gama é um programa de mobilidade de estudantes entre escolas do ensino politécnico. 2. O intercâmbio de estudantes ao abrigo

Leia mais

INTENÇÃO DE VOTO EM MINAS GERAIS PARA AS ELEIÇÕES 2014 MINAS GERAIS AGOSTO DE 2014

INTENÇÃO DE VOTO EM MINAS GERAIS PARA AS ELEIÇÕES 2014 MINAS GERAIS AGOSTO DE 2014 INTENÇÃO DE VOTO EM MINAS GERAIS PARA AS ELEIÇÕES 2014 MINAS GERAIS AGOSTO DE 2014 REGISTRO MG - 00061/2014 REGISTRO BR - 00324/2014 INTRODUÇÃO Este relatório contém os resultados de um estudo realizado

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE BUROCRACIA

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE BUROCRACIA PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE BUROCRACIA DEZEMBRO DE 2008 JOB12-9 OBJETIVO LOCAL ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA Levantar junto aos eleitores da área em estudo opiniões relacionadas a burocracia

Leia mais

INQUÉRITO AO CONGRESSISTA

INQUÉRITO AO CONGRESSISTA INQUÉRITO AO CONGRESSISTA 2015 INQUÉRITO AO CONGRESSISTA INTRODUÇÃO Tendo em conta a elevada relevância do Turismo de Negócios no posicionamento de Lisboa como destino, o Observatório do Turismo de Lisboa

Leia mais

OS CUIDADOS PALIATIVOS EM PORTUGAL. Resultados Quantitativos

OS CUIDADOS PALIATIVOS EM PORTUGAL. Resultados Quantitativos OS CUIDADOS PALIATIVOS EM PORTUGAL Resultados Quantitativos Outubro 2008 1 METODOLOGIA FICHA TÉCNICA Total da Amostra: 606 Entrevistas telefónicas, realizadas por CATI (computer assisted telephone interview).

Leia mais

Fichas técnicas das fontes de informação

Fichas técnicas das fontes de informação Fichas técnicas das fontes de informação Inquérito a Turistas Abril de 2015 Inquérito referente ao Período de Inverno, elaborado pelo Turismo de Portugal. Universo Constituído pelos turistas residentes

Leia mais

-Mato. Projecto Corta- Grupo Repo. ortagem. Actividade Refe. Escola Secundária de Pinheiro e Rosa. Curso Tecnológico de Desporto

-Mato. Projecto Corta- Grupo Repo. ortagem. Actividade Refe. Escola Secundária de Pinheiro e Rosa. Curso Tecnológico de Desporto 11º H Projecto Corta- -Mato Grupo Repo ortagem Actividade Refe erente 3 Professor responsável: André Ramos Realizado por: Carmen Pereira Daniel Sousa Natacha Domingos Nicolau Cardoso Priscila Domingos

Leia mais

A Qualidade dos Serviços Turísticos em Cabo Verde

A Qualidade dos Serviços Turísticos em Cabo Verde 7 Anexo Anexo 1 Inquérito Aplicado A Qualidade dos Serviços Turísticos em Cabo Verde Este inquérito visa obter a sua opinião sobre o turismo em Cabo Verde. Deste modo, solicita-se a sua colaboração no

Leia mais

sugestões para planos de sessão e exercícios

sugestões para planos de sessão e exercícios Parte II sugestões para planos de sessão e exercícios 315 316 317 318 319 320 Tema: Papéis sociais, paradigmas e estereótipos em Igualdade de oportunidades Exercício 1 Objectivo: Identificar estereótipos

Leia mais

ADOLESCENTES PORTUGUESES: ALIMENTAÇÃO E ESTILOS DE VIDA SAUDAVEIS

ADOLESCENTES PORTUGUESES: ALIMENTAÇÃO E ESTILOS DE VIDA SAUDAVEIS ADOLESCENTES PORTUGUESES: ALIMENTAÇÃO E ESTILOS DE VIDA SAUDAVEIS Margarida Gaspar de Matos* Marlene Silva e Equipa Aventura Social & Saúde *Psicologa, Prof Ass F M H / UTL Coordenadora Nacional do HBSC/OMS

Leia mais

P: Qual é o papel do Ministro da C&T?

P: Qual é o papel do Ministro da C&T? P: Qual é o papel do Ministro da C&T? Vamos dividir. Como ministro da Ciência tem nota positiva. Mas como ministro da Tecnologia é zero. Para não dizer menos 20 que é o máximo da nota negativa. José Tribolet

Leia mais

PROCEDIMENTOS UTILIZADOS NA REALIZAÇÃO DA PESQUISA:

PROCEDIMENTOS UTILIZADOS NA REALIZAÇÃO DA PESQUISA: Curitiba, 17 de outubro de 2016. Apresentamos a seguir os resultados da pesquisa de opinião pública realizada no município de Belo Horizonte, com o objetivo de consulta à população sobre situação eleitoral

Leia mais

efr ENTIDADES FAMILIARMENTE RESPONSÁVEIS

efr ENTIDADES FAMILIARMENTE RESPONSÁVEIS Promovemos a sustentabilidade do seu negócio Júlio Faceira Guedes XZ Consultores, SA O MODELO DE GESTÃO efr ENTIDADES FAMILIARMENTE RESPONSÁVEIS Porto, 08 de Maio de 2012 O modelo de gestão efr 1. O que

Leia mais

Critérios de Avaliação dos CEF Curso de Operador Informático 2012/2013

Critérios de Avaliação dos CEF Curso de Operador Informático 2012/2013 Critérios de Avaliação dos CEF Curso de Operador Informático Língua Portuguesa 2012/2013 ATITUDES Formação para a cidadania. Apresentação dos materiais necessários, cumprimento de tarefas propostas, assiduidade,

Leia mais

Valor médio de avaliação bancária acentuou tendência crescente

Valor médio de avaliação bancária acentuou tendência crescente Dez-14 Jan-15 Fev-15 Mar-15 Abr-15 Mai-15 Jun-15 Jul-15 Ago-15 Set-15 Out-15 Nov-15 Dez-15 Inquérito à Avaliação Bancária na Dezembro de 2015 25 de janeiro de 2016 Valor médio de avaliação bancária acentuou

Leia mais

BARÓMETRO DE OPINIÃO PÚBLICA: Atitudes dos portugueses perante Leitura e o Plano Nacional de Leitura

BARÓMETRO DE OPINIÃO PÚBLICA: Atitudes dos portugueses perante Leitura e o Plano Nacional de Leitura BARÓMETRO DE OPINIÃO PÚBLICA: Atitudes dos portugueses perante Leitura e o Plano Nacional de Leitura António Firmino da Costa Elsa Pegado Patrícia Ávila CIES-ISCTE 2008 BARÓMETRO DE OPINIÃO PÚBLICA: Atitudes

Leia mais

CENTRO PAULA SOUZA FACULDADE DE TECNOLOGIA DA ZONA LESTE PROJETO DE PESQUISA: ESTATÍSTICA NA PRÁTICA

CENTRO PAULA SOUZA FACULDADE DE TECNOLOGIA DA ZONA LESTE PROJETO DE PESQUISA: ESTATÍSTICA NA PRÁTICA CENTRO PAULA SOUZA FACULDADE DE TECNOLOGIA DA ZONA LESTE PROJETO DE PESQUISA: ESTATÍSTICA NA PRÁTICA Orientadora: Profª. Drª. Rosângela M. C. Bonici Disciplina: Estatística Aplicada SÃO PAULO PROJETO DE

Leia mais

Pesquisa de Intenção de Voto. Sucessão Municipal. Pelotas. 17/09/2008-3ª pesquisa. Porto Alegre, 19 de setembro de 2008.

Pesquisa de Intenção de Voto. Sucessão Municipal. Pelotas. 17/09/2008-3ª pesquisa. Porto Alegre, 19 de setembro de 2008. Pesquisa de Intenção de Voto Sucessão Municipal Pelotas 17/09/2008-3ª pesquisa Porto Alegre, 19 de setembro de 2008. 1 Sumário Apresentação e Metodologia... 3 Intenção de Voto... 5 Opinião Sobre Quem Irá

Leia mais

INQUÉRITO DE AVALIAÇÃO DA SATISFAÇÃO DOS CLIENTES EXTERNOS

INQUÉRITO DE AVALIAÇÃO DA SATISFAÇÃO DOS CLIENTES EXTERNOS Direcção Regional de Agricultura e Pescas do Algarve INQUÉRITO DE AVALIAÇÃO DA SATISFAÇÃO DOS CLIENTES EXTERNOS RELATÓRIO FINAL DA ANÁLISE DOS DADOS DEZEMBRO 2010 Índice Índice... 2 1. Sumário... 3 2.

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VIZELA VIZELA Escola sede: ESCOLA SECUNDÁRIA DE CALDAS DE VIZELA INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA DE SOCIOLOGIA

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VIZELA VIZELA Escola sede: ESCOLA SECUNDÁRIA DE CALDAS DE VIZELA INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA DE SOCIOLOGIA AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VIZELA VIZELA Escola sede: ESCOLA SECUNDÁRIA DE CALDAS DE VIZELA INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA DE SOCIOLOGIA Prova: 344 / 2015 12.º Ano de Escolaridade Formação

Leia mais

RESUMO EXECUTIVO. Termo de Parceria MTUR/IMB/N /2009

RESUMO EXECUTIVO. Termo de Parceria MTUR/IMB/N /2009 RESUMO EXECUTIVO Termo de Parceria MTUR/IMB/N 703.686/2009 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS Forma de Coleta: Quantitativa, com 500 entrevistados em 4 eventos pelo Instituto Marca Brasil entre 19 de novembro de

Leia mais

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS

PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA SOBRE ASSUNTOS POLÍTICOS/ ADMINISTRATIVOS MAIO/ JUNHO DE 2014 JOB0671-2 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA PESQUISA OBJETIVO LOCAL Levantar a intenção de voto do eleitorado acerca às

Leia mais

Consideras a possibilidade de trabalhar no estrangeiro?

Consideras a possibilidade de trabalhar no estrangeiro? Inquérito Universia e Trabalhando 94% dos jovens portugueses considera a possibilidade de trabalhar no estrangeiro Lisboa, 29 de Novembro de 2012. O Universia Portugal (http://), a rede de universidades

Leia mais

BALANÇO E PERSPECTIVAS SOBRE A MOBILIDADE ELÉCTRICA EM PORTUGAL

BALANÇO E PERSPECTIVAS SOBRE A MOBILIDADE ELÉCTRICA EM PORTUGAL BALANÇO E PERSPECTIVAS SOBRE A MOBILIDADE ELÉCTRICA EM PORTUGAL 4. CONFERÊNCIA DA MOBILIDADE URBANA Preparar a Cidade para a Mobilidade do Futuro: Dos Modos Suaves à Mobilidade Eléctrica 17 de Setembro

Leia mais

Associação da Hotelaria de Portugal divulga indicadores da hotelaria de fevereiro de 2013

Associação da Hotelaria de Portugal divulga indicadores da hotelaria de fevereiro de 2013 Lisboa, 2 de maio de 2013 Associação da Hotelaria de Portugal divulga indicadores da hotelaria de fevereiro de 2013 Subidas de 3,83% na OCUPAÇÃO POR QUARTO (fixou-se em 41,20%), de 2,86% no REVPAR (fixou-se

Leia mais

A Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) nas MPE Brasileiras

A Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) nas MPE Brasileiras 1 Especialistas em pequenos negócios / 0800 570 0800 / sebrae.com.br A Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) nas MPE Brasileiras Novembro 2015 Objetivo: avaliar o nível de utilização de TIC nas

Leia mais

Curso de Especialização em Gestão Desportiva

Curso de Especialização em Gestão Desportiva Curso de Especialização em Gestão Desportiva Equipamentos e instalações desportivas Módulo 2 Calendário Dia 29 Mai Dia 4 Jun Dia 5 Jun 14-16h 16-18h 18-20h Normativas referentes às características das

Leia mais

Os consumidores portugueses e os QR Code

Os consumidores portugueses e os QR Code Os consumidores portugueses e os QR Code Índice 1. Introdução aos QR Code...3 2. Já alguma vez viu um QR Code num produto ou comunicação?...3 3. O que acha que é este código e para que serve?...4 4. Que

Leia mais

RESULTADOS RELATIVOS A GONDOMAR INDICADORES DO «CIDADES»

RESULTADOS RELATIVOS A GONDOMAR INDICADORES DO «CIDADES» RESULTADOS RELATIVOS A GONDOMAR INDICADORES DO «CIDADES» INDICADOR TOTAL QUE ASSINALA O ITEM (N) % NO TOTAL DE INQUIRIDOS Os espaços públicos estão limpos? 28 46% Os espaços públicos são agradáveis? 31

Leia mais

educom Navegar é preciso; segurança também!

educom Navegar é preciso; segurança também! Navegar é preciso; segurança também! A rede Benefícios Riscos Évora - 02-12-2004 fcar@ualg.pt 2 Riscos da net Exposição a materiais suspeitos Assédio Danos físicos Danos económicos e/ou morais Álcool,

Leia mais

ESTRUTURA ORGANIZATIVA DA ISCMPSA

ESTRUTURA ORGANIZATIVA DA ISCMPSA ESTRUTURA ORGANIZATIVA DA ISCMPSA Este documento visa dar corpo á orgânica dos serviços da Santa Casa, ou seja, definir competências, hierarquias e formas de actuação. Como a Santa Casa da Póvoa de Santo

Leia mais

#PESQUISA CONEXÃO ABAP/RS E O MERCADO PUBLICITÁRIO GAÚCHO NOVEMBRO DE 2015

#PESQUISA CONEXÃO ABAP/RS E O MERCADO PUBLICITÁRIO GAÚCHO NOVEMBRO DE 2015 #PESQUISA CONEXÃO ABAP/RS E O MERCADO PUBLICITÁRIO GAÚCHO NOVEMBRO DE 2015 Metodologia e Perfil da Amostra Quem entrevistamos, como e onde? Perfil Objetivos Tomadores de decisão em Agências de Propaganda

Leia mais

REORGANIZAÇÃO DAS LICENCIATURAS DA U. M.

REORGANIZAÇÃO DAS LICENCIATURAS DA U. M. CAc P 1-02/03 REORGANIZAÇÃO DAS LICENCIATURAS DA U. M. 1. Introdução A expansão da rede do Ensino Superior Público e Privado, que ocorreu nas décadas de 80 e 90, trouxe como consequência, aliás previsível,

Leia mais