EDITAL Nº 019/2014/CAMPUS PALMAS/IFTO, DE 12 DE MAIO DE 2014.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "EDITAL Nº 019/2014/CAMPUS PALMAS/IFTO, DE 12 DE MAIO DE 2014."

Transcrição

1 EDITAL Nº 019/2014//IFTO, DE 12 DE MAIO DE PROGRAMA DE CONCESSÃO DE BOLSAS PARA CURSOS TÉCNICOS PROFISSIONALIZANTES DE NÍVEL MÉDIO, DE GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO (LATO E STRICTO SENSU) PRÓ-QUALIFICAR, DESTINADO AOS SERVIDORES DO QUADRO PERMANENTE DO IFTO O DIRETOR GERAL DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TOCANTINS, nomeado pela Portaria n 183/2014/IFTO/Reitoria de 10 DE ABRIL DE 2014, publicada no Diário Oficial da União de 11 de abril de 2014 e conforme Regulamento aprovado pela Resolução Nº 09/2014/CONSUP/IFTO de 26/03/2014, no uso de suas atribuições legais e regimentais, torna público que estão abertas as inscrições para a concessão de bolsas, para Cursos Técnicos Profissionalizantes de Nível Médio, de Graduação e Pós-graduação (Lato e Stricto Sensu), destinadas aos servidores do quadro de pessoal permanente do IFTO Campus Palmas, conforme item 3 e ofertas do item 2 deste Edital. 1. OBJETIVOS Promover o desenvolvimento do servidor, visando à melhoria de seu desempenho quanto às suas funções e compromissos para com o Instituto, desenvolvendo sua capacidade reflexiva e crítica e estimulando o exercício pleno de cidadania e o consequente comprometimento com a missão da Instituição no contexto do ensino, da pesquisa, da extensão e da administração. 2. CARACTERÍSTICAS DO RECEBIMENTO DAS BOLSAS 2.1. Serão concedidas as seguintes quantidades de Bolsas e seus respectivos valores, conforme a tabela abaixo: Por Bolsa, para fins deste Edital, entende-se tratar do beneficio continuado pelo período de tempo disposto no Item 2.2, pago mensalmente em conformidade com os valores constantes na Tabela I. Tabela I QUANTIDADE DE VAGAS OFERTADAS VALOR DO INCENTIVO Nível da Capacitação Campus Palmas Valor Mensal Doutorado 4 900,00 Mestrado 5 700,00 Especialização 2 150,00 Graduação 2 250,00 Página 1 de 1

2 2.2. As bolsas serão concedidas relativamente aos meses de Junho de 2014 a Fevereiro de 2015, desde que as atividades acadêmicas estejam em curso A Concessão da Bolsa poderá ser renovada pelo período que durar o curso, nos termos do Art. 12 do Regulamento, devendo, para tanto, o beneficiário atender à convocação da Comissão Gestora Em hipótese alguma haverá pagamento retroativo O pagamento será efetuado diretamente ao bolsista mediante depósito em sua conta bancária O pagamento será condicionado ao cronograma da Diretoria de Administração e Planejamento Os candidatos classificados acima da quantidade de bolsas disponibilizadas nesta seleção comporão cadastro de reserva para os casos de ampliação do orçamento do Programa e do cancelamento ou desistência de beneficiários. 3. DOS REQUISITOS PARA PARTICIPAR DO PROGRAMA 3.1. Para a concessão do incentivo previsto neste edital, o servidor deverá atender aos seguintes requisitos: I. Pertencer ao quadro de pessoal efetivo do Instituto Federal do Tocantins, com lotação e exercício no Campus Palmas; II. Estar aprovado ou vinculado na condição de aluno regular em Instituição de Ensino Superior devidamente credenciada e autorizada pelo Ministério da Educação (MEC, no caso de cursos de Graduação) ou pela Capes (no caso de cursos de pós-graduação Strictu Senso) sendo, obrigatoriamente, esta a instituição certificadora da escolaridade ou titulação a ser alcançada. III. Não possuir escolaridade ou titulação equivalente ou superior a ser alcançada com a concessão do incentivo; IV. Não receber, durante o período de vigência da Bolsa, a título de qualificação, qualquer modalidade de auxílio ou bolsa concedida pelo IFTO ou por qualquer agência de fomento pública, nacional ou internacional, ou de instituição pública ou privada; V. O curso ao qual o candidato estiver admitido ou vinculado deverá ser ofertado exclusivamente no Brasil; VI - Estar de acordo e assinar o termo de compromisso que se encontra em anexo a este Edital; VII - Não se encontrar inadimplente e/ou com pendências/débitos com programas institucionais geridos pelas Pró-reitorias ou por outras instâncias do IFTO, com a Capes/CNPq ou com outras instituições públicas de fomento. Página 2 de 2

3 VIII Apresentar justificativa do interesse e da necessidade institucional na qualificação do servidor, considerando a aderência do curso/programa ao Plano de Desenvolvimento Institucional do IFTO e à área de atuação funcional do servidor. 1 As exigências previstas neste artigo são, cumulativamente, requisitos para a homologação da inscrição. 4. PROCEDIMENTOS PARA INSCRIÇÃO 4.1. O servidor deverá inscrever-se durante o período de inscrição determinado na Tabela constante no item 6 deste Edital, exclusivamente pela internet, acessando o endereço e logando no Sistema de Classificação através das informações solicitadas Ao validar as informações, o Sistema de Classificação deverá abrir a página de inscrição automaticamente, na qual já estarão preenchidas as informações funcionais do candidato logado, cabendo a este confirmar TODAS as declarações exigidas e prestar as informações sobre o nível do curso (através de seleção de apenas uma das opções disponíveis) e datas de início e previsão de término do curso; Caso o candidato identifique alguma informação funcional incorreta, deverá reportar à Gerência de Recursos Humanos para atualização dos dados Ao concluir a etapa disposta no item anterior, acionado o botão Avançar, o Sistema de Classificação deverá remeter o candidato à página de Documentos, na qual deverão ser anexados os seguintes documentos digitalizados: a) Termo de compromisso devidamente preenchido e assinado (Anexo II); b) Comprovante de matrícula, ou de aceite, como aluno regular no curso pretendido expedido pela instituição ofertante a, no máximo, 60 (sessenta) dias; c) Atestados de Nada Consta emitidos pela Coordenação de Extensão e pela Coordenação de Pós-Graduação, Pesquisa e Inovação, ambas do Campus Palmas, referindo-se à eventuais inadimplências em programas e/ou projetos institucionais; d) Curriculum vitae, apresentado na Plataforma Lattes; e) Documentos comprobatórios dos itens pontuáveis, conforme o Anexo I deste Edital; Os documentos emitidos originalmente em idioma diverso do português deverão ser apresentados acompanhados de tradução juramentada, conforme disposto no Art. 18 do Decreto n /43 e art. 22, 1 da Lei n 9.784/ Cada arquivo anexado deverá ter tamanho máximo de 4 (quatro) megabites; 4.2. Não serão admitidas inscrições extemporâneas, por ou por correio. Página 3 de 3

4 4.3. A Comissão Gestora não disponibilizará equipamentos, não digitalizará documentos e não se responsabilizará por mau funcionamento ou indisponibilidade de equipamentos e/ou da Internet. O manuseio e a operação dos recursos de informática necessários à inscrição são de responsabilidade exclusiva do candidato O Sistema de Classificação não salva ou registra inscrições incompletas. Ao logar no sistema, portanto, o candidato deverá cumprir todas as etapas da inscrição descritas nos itens 4.1, e imediatamente uma após a outra Caso todas as etapas sejam concluídas com sucesso, o Sistema de Classificação deverá remeter automaticamente, ao do candidato, o comprovante de inscrição Após confirmada a inscrição, o candidato poderá logar-se novamente ao Sistema de Classificação para alterar informações e/ou anexar novos arquivos referentes ao item , desde que dentro do prazo previsto para o recebimento de inscrições conforme quadro disposto no item 6 deste Edital. 5. DA SELEÇÃO DOS CANDIDATOS: 5.1. Serão contemplados, por nível de capacitação, os candidatos que obtiverem maior número de pontos segundo os critérios apresentados no Anexo I deste edital, observado o limite máximo de bolsas deste programa, conforme previsto na Tabela I deste edital; 5.2. Após a seleção, havendo empate, adotar-se-á, obedecendo à sequência abaixo apresentada, os seguintes critérios para desempate: a) maior tempo de efetivo exercício no Campus Palmas; b) maior tempo de efetivo exercício no IFTO; c) candidato mais idoso Entende-se como efetivo exercício o tempo de serviço público federal contado para aposentadoria, nos termos da Lei nº 8.112/90, descontados os períodos de licenças não remuneradas, faltas, bem como demais afastamentos que não contem tempo para aposentadoria Para efeito deste edital, será considerada como lotação do candidato aquela que constar no cadastro da Gerência de Recursos Humanos do Campus Palmas, no momento da seleção A aquisição dos documentos listados nas alíneas a até e do item 4.1.2, bem como as traduções juramentadas (quando for o caso), são de responsabilidade exclusiva do candidato, sendo vedada a admissão extemporânea de quaisquer documentos. Página 4 de 4

5 6. DO CRONOGRAMA DA SELEÇÃO. Etapa Início Término Horário Publicação do Edital 12/05 - Inscrições (RETIFICADO) 16/05 26/05 0:00 do dia 16/05 às 23:59 do dia 26/05 Homologação preliminar das Inscrições 28/05 - Recursos contra a homologação das Inscrições 29/05 30/05 0:00 do dia 29 às 23:59 do dia 30 Homologação Definitiva das inscrições 04/06 - Resultado Preliminar (RETIFICADO) 09/06 - Recursos contra o Resultado Preliminar (RETIFICADO) 10/06 11/06 0:00 do dia 10 às 23:59 do dia 11 Resultado Final (RETIFICADO) 13/ A divulgação das informações pertinentes a esta Seleção será feita no site do IFTO e no Mural da Gerência de Recursos Humanos, ficando a cargo do candidato acompanhar as informações, comunicados e eventuais retificações. 7. DA RESPONSABILIDADE POR ESTA SELEÇÃO 7.1. A seleção dos candidatos será realizada pela Comissão Gestora do Programa de Concessão de Bolsas para Cursos Técnicos de Nível Médio, de Graduação e Pós-Graduação (Lato E Stricto Sensu) PRÓ-QUALIFICAR, destinado aos servidores do quadro permanente do IFTO Campus Palmas, conforme disposto no Regulamento do Programa, designada pela Portaria Nº 260/2013/IFTO/Campus Palmas, de 14 de agosto de OBRIGAÇÕES DO CANDIDATO 8.1. A concessão de bolsa pressupõe que o candidato assuma perante o IFTO as seguintes obrigações: a) Fornecer à Unidade de Gestão de Pessoas informações fidedignas sobre incentivos ou bolsas de formação e/ou qualificação que tenha recebido ou esteja recebendo do IFTO ou de agências financiadoras; b) Frequentar regularmente o curso, na perspectiva da não interrupção por trancamento de matrícula, visando à obtenção do diploma do curso pretendido no tempo mínimo previsto pelo Projeto Pedagógico do Curso. A interrupção do curso implica no cancelamento da Bolsa; c) Apresentar à Unidade de Gestão de Pessoas, em até 10 (dez) dias úteis após o início do semestre acadêmico subsequente, o Relatório Semestral de que trata o Art. 11 inciso V do Regulamento do Pró-Qualificar. d) Apresentar documentação solicitada pela Comissão Gestora com redação em língua portuguesa ou, quando em língua diversa, acompanhada com sua tradução juramentada. Página 5 de 5

6 8.2. Após a conclusão do curso, o candidato deverá: a) Continuar prestando serviço no Campus Palmas por um período igual ou superior ao da concessão da bolsa, contado a partir da data em que deixar de receber este benefício, conforme o termo de compromisso assinado pelo servidor; b) Ainda que haja interrupção imprevista ou involuntária do curso, o servidor deverá ressarcir o IFTO, salvo os casos previstos em lei; c) Devolver ao IFTO qualquer importância recebida indevidamente, mesmo que a constatação dessa incorreção venha a ocorrer após o encerramento do prazo de vigência da bolsa; d) O candidato deverá restituir ao IFTO os valores correspondentes a todos os benefícios relativos à bolsa, caso esta venha a ser cancelada por comprovação do não cumprimento de compromissos firmados quando de sua obtenção ou por desistência do curso O pagamento da bolsa poderá ser cancelamento na hipótese do candidato não cumprir suas obrigações. 9. DISPOSIÇÕES FINAIS 9.1. Para cumprimento deste Edital, as normativas do IFTO e a legislação vigente deverão ser observadas Os pagamentos referentes às bolsas concedidas serão feitas obedecendo à programação da Diretoria de Administração e Planejamento do Campus Palmas, observada a disponibilidade financeira É resguardado ao IFTO o direito de, a qualquer momento, solicitar informações ou documentos adicionais que julgar necessários O presente edital poderá, a critério da Comissão Gestora do Pró-Qualificar, ser prorrogado, no caso de não preenchimento das bolsas ou por outro motivo que atenda ao interesse do IFTO Os recursos deverão ser interpostos por meio de sistema eletrônico próprio contendo a argumentação do candidato, observado os prazos estabelecidos no item 6 do presente Edital. 9.6 O espelho de pontuação poderá ser obtido junto à Gerência de Recursos Humanos pelo candidato interessado ou seu procurador legalmente constituído Após homologação do resultado final do certame, o candidato selecionado terá o prazo de 10 (dez) dias para assinatura do termo de percepção da bolsa; 9.8. Casos omissos serão analisados pela Comissão Gestora do Programa de bolsa. Página 6 de 6

7 10. DOS ANEXOS INTEGRANTES DESTE EDITAL: ANEXO I: Tabela de critérios de pontuação; ANEXO II: Termo de compromisso e declaração de responsabilidade para concessão de bolsa para incentivo à qualificação dos servidores do IFTO. ANEXO III: print das páginas do Sistema de Classificação. Octaviano Sidnei Furtado Diretor-Geral do Campus Palmas *Original Assinado Página 7 de 7

8 ANEXO I CRITÉRIOS DE PONTUAÇÃO E DOCUMENTAÇÃO COMPROBATÓRIA Itens/Pontos Subitens Documentação comprobatória Pontuação Máxima 1. Tempo de Serviço 1.1. Tempo de serviço prestado no IFTO (2,0 por ano) Certidão ou declaração emitida pela unidade de gestão de pessoas. 24 (30 pontos) 1.2. Tempo de serviço prestado em outra Instituição de Ensino (1,0 por ano) Certidão ou declaração emitida pela instituição de ensino. 6 Cópia de registro bibliográfico constando no rol de 2.1. Autoria e/ou co-autoria de livros (2,0 por livro) autores Capítulo de livro e/ou item de propriedade intelectual depositado (1,0 por capítulo ou item) 2.3. Artigos completos publicados em anais ou revistas com QUALIS-CAPES (1,0 por artigo) 2.4. Trabalhos completos publicados em anais ou revistas (0,5 por trabalho) Cópia de registro bibliográfico constando no rol de autores do capítulo. Cópia da revista onde se deu a publicação, bem como da parte onde constar o QUALIS-CAPES (mínimo capa da revista e artigo publicado). Cópia dos anais identificando o congresso, conferência ou similar, bem como a identificação do trabalho e de seus autores Produção Acadêmico- Científica 2.5. Resumos publicados em anais (0,2 por resumo) 2.6. Orientações em trabalho de conclusão de curso e/ou pesquisa nos últimos 10 (dez) (0,5 por orientação) anos 2.7. Participação em bancas diversas (0,5 por (25 pontos) banca) 2.8.Parecerista em eventos científicos ou periódicos/palestrante/participação em Projetos Pedagógicos, Pesquisa e/ou Extensão/ consultoria (0,5 por participação) 2.9. Disciplinas concluídas em cursos de Graduação ou de Pós-Graduação no mesmo curso pretendido, desde que não tenha sido favorecido com liberação da Instituição (2,0 por disciplina) Cópia dos anais identificando o congresso, conferência ou similar, bem como a identificação do trabalho e de seus autores. Cópia da ata de defesa do TCC constando o nome do orientador ou declaração da coordenação do curso ou responsável pelo projeto de pesquisa. Cópia de portaria/ata de realização de banca constando a identificação do servidor. a) Quando parecerista: cópia do parecer lavrado pelo servidor; b) Quando palestrante: cópia do certificado ou declaração emitida pela instituição promotora da palestra; c) Quando participante de projetos pedagógicos, pesquisa e/ou extensão: cópia da portaria ou do projeto contendo a identificação do servidor participante; d) Quando consultor: declaração da instituição destinatária da consultoria identificando o servidor prestador do serviço. Cópia de histórico acadêmico ou declaração da instituição de ensino comprovando a conclusão satisfatória das disciplinas e seu período de realização, acompanhada de declaração da unidade de gestão de pessoas atestando que no período da realização de tais disciplinas o servidor não foi afastado para capacitação Página 8 de 8

9 3. Experiência Profissional no IFTO (25 pontos) Cópia da portaria de nomeação/designação e exoneração/dispensa do cargo de direção ou função 3.1 Cargo de Direção, Função gratificada, Chefia e gratificada (publicação no Diário Oficial da União). de Responsabilidade Técnica em atividades No caso de função em exercício, apresentar em administrativas ou pedagógicas (1,0 por ano) substituição da portaria de exoneração/dispensa, declaração emitida pela unidade de gestão de pessoas informando ser tal vínculo vigente na data de emissão. 3.2 Participação em Comissões (0,2 por participação) Cópia da portaria de designação Participação como Membro de Conselho consultivo e/ou deliberativo, comissões permanentes e comitês (0,2 por mês de participação) Cópia do documento de designação e da respectiva dispensa. Para o caso de comissões com participação vigente, apresentar declaração emitida pelo conselho do qual faz parte afirmando ser tal vínculo vigente na data de emissão em substituição do documento de dispensa Aderência ao PDI Docente Curso planejado no PDI: aplicação direta do conhecimento Curso planejado no PDI: aplicação periférica do conhecimento Curso não planejado no PDI: plano futuro de criação de curso Cópia da parte do PDI onde se encaixa o curso pretendido, acompanhada de declaração emitida pelo gestor máximo da unidade de lotação do servidor informando quanto ao tipo de enquadramento do curso ao PDI TAE Aplicabilidade nas atividades de ensino ou na gestão Institucional Aplicação direta Parecer detalhado da chefia imediata especificando em quais atividades desempenhadas pelo servidor o Aplicação periférica curso pretendido irá contribuir. Tal parecer deve ser conclusivo e apontar se a aplicação é direta ou periférica Financiamento pelo IFTO Programa/curso de Graduação ou Pós-graduação não financiado pelo IFTO Declaração emitida pelo setor de execução financeira central do IFTO (Reitoria) informando que o curso pretendido não possui financiamento do IFTO. Será emitida mediante requerimento do servidor acompanhado de comprovante de matrícula/aceite do curso pretendido Afastamento para qualificação 7. Conceito do curso pretendido Servidor não afastado 6.1 Graduação (Equivalência INEP/MEC) 6.2 Pós-graduação stricto senso (Equivalência CAPES/MEC) Declaração emitida pela Unidade Setorial de Gestão de Pessoas Extrato atual, máximo 30 dias de emissão, extraído do Sistema e-mec (https://emec.mec.gov.br) comprovando o conceito obtido. A pontuação será equivalente ao conceito obtido. Extrato atual, máximo 30 dias de emissão, extraído do site da CAPES ( comprovando o conceito obtido. A pontuação será equivalente ao conceito obtido Página 9 de 9

10 ANEXO II TERMO DE COMPROMISSO Termo de Compromisso e Declaração de responsabilidade para a concessão de bolsa e de reembolso do programa institucional de incentivo à qualificação do servidor do IFTO - PRÓ-QUALIFICAR Pelo presente TERMO DE COMPROMISSO E DECLARAÇÃO DE RESPONSABILIDADE eu, matrícula SIAPE nº.:, ocupante do cargo de, lotado(a) no(a) Campus/Unidade: do IFTO, tendo solicitado voluntariamente a concessão da bolsa/reembolso de incentivo à qualificação no nível de, com a finalidade de frequentar o curso de, durante o período de a, na Instituição:. Assumo os seguintes compromissos: 1) Não solicitar aposentadoria, exoneração do cargo efetivo, licença para tratar de interesses particulares, licença incentivada, cessão, redistribuição ou nova participação em eventos de capacitação de longa duração, após o fim da concessão da(o) bolsa/reembolso, antes de decorrido tempo de efetivo exercício igual ou superior ao período de percepção da bolsa/reembolso, incluídas as prorrogações. 2) Continuar, durante o prazo referido no item anterior, a prestar serviços à Unidade/ Campus da minha lotação, utilizando os conhecimentos adquiridos durante o período de percepção da reembolsa/reembolso. 3) Fornecer à Unidade de Gestão de Pessoas do IFTO informações fidedignas sobre incentivos a título de bolsas/reembolso de formação que tenha recebido do IFTO ou de outras agências financiadoras. 4) Atender a todas as solicitações da Comissão Gestora do Programa - CGP e Unidade de Gestão de Pessoas acerca da conclusão do curso pretendido. Página 10 de 10

11 Fico ciente de que: a) Aposentadoria, exoneração, a pedido do servidor, do cargo efetivo, licença para tratar de interesses particulares, licença incentivada, cessão, redistribuição ou nova participação em programas de qualificação de longa duração antes do prazo definido nos itens 1 e 2 deste termo estarão condicionadas ao prévio ressarcimento ao IFTO das despesas havidas com concessão dos incentivos de bolsa/reembolso. b) Na hipótese de não concluir o curso e a juízo das instâncias acadêmicas, poderei estar sujeito a Processo Administrativo Disciplinar para apuração das causas (Artigo 143 do RJU, Lei nº. 8112/90). c) Deverei remeter relatórios semestrais de atividades do curso e atender às normas deste edital. 5) Declaro também estar de acordo com os termos do presente edital e que atendo a todos os requisitos nele constantes. 6) Declaro estar ciente das regras estabelecidas no Regulamento do Programa de Incentivo PRÓ- QUALIFICAR, aprovado pela Resolução nº 09/2014/CONSUP/IFTO de 26 de março de Local / Data Assinatura do(a) candidato(a) Termo de Compromisso e Declaração de responsabilidade para a concessão da bolsa de incentivo de capacitação do programa institucional de incentivo à qualificação do servidor do IFTO. Do servidor: Recebido em: / / Por: Página 11 de 11

12 ANEXO III PRINT DAS PÁGINAS ELETRÔNICAS DO SISTEMA DE CLASSIFICAÇÃO Página 1 - Autenticação Página 2 Dados Funcionais e Declarações Página 3 Carregamento dos documentos exigidos Página 12 de 12

EDITAL Nº 047/2013/CAMPUS GURUPI/IFTO, DE 04 DE OUTUBRO DE 2013.

EDITAL Nº 047/2013/CAMPUS GURUPI/IFTO, DE 04 DE OUTUBRO DE 2013. EDITAL Nº 047/2013//IFTO, DE 04 DE OUTUBRO DE 2013. PROGRAMA DE CONCESSÃO DE BOLSAS, PARA CURSOS DE GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO (LATO E STRICTO SENSU), DESTINADO AOS SERVIDORES DO QUADRO PERMANENTE DO -

Leia mais

Edital Nº006/2015 - PRPGI/IFBA Programa de Auxílio Qualificação para cursos de Pós- Graduação Lato e Stricto Sensu - Campus Camaçari -

Edital Nº006/2015 - PRPGI/IFBA Programa de Auxílio Qualificação para cursos de Pós- Graduação Lato e Stricto Sensu - Campus Camaçari - Edital Nº006/2015 - PRPGI/IFBA Programa de Auxílio Qualificação para cursos de Pós- Graduação Lato e Stricto Sensu - Campus Camaçari - 1 Apresentação O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia

Leia mais

EDITAL Nº 008/2015-PROPPG, de 04 de agosto de 2015

EDITAL Nº 008/2015-PROPPG, de 04 de agosto de 2015 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE QUALIFICAÇÃO DE SERVIDORES DO IFG EM NÍVEL DE MESTRADO E DOUTORADO (PIQS/IFG) EDITAL Nº 008/2015-PROPPG, de 04 de agosto de 2015 A Reitoria do Instituto Federal de Educação,

Leia mais

EDITAL PRGDP Nº 29/2014

EDITAL PRGDP Nº 29/2014 EDITAL PRGDP Nº 29/2014 A PRGDP/UFLA, no uso de suas atribuições, e considerando a Lei nº 11.091, de 12/01/2005, Decreto nº 5.707, de 23/02/2006 e a Resolução CUNI nº 56 de 29/10/2013, torna público que

Leia mais

EDITAL Nº 124/2016, DE 04 DE MAIO DE 2016

EDITAL Nº 124/2016, DE 04 DE MAIO DE 2016 EDITAL Nº 124/2016, DE 04 DE MAIO DE 2016 PROCESSO DE SELEÇÃO PARA O PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INCENTIVO À QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL DOS SERVIDORES DO SELEÇÃO 2016/I A REITORA DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO,

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA CÂMPUS JUIZ DE FORA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA CÂMPUS JUIZ DE FORA EDITAL Nº 30/2014 Processo: 23225.001138/2014-09 PROGRAMA DE APOIO À QUALIFICAÇÃO DE SERVIDORES DO IF SUDESTE MG GRADUAÇAO E PÓS-GRADUAÇÃO PROAQ/IF SUDESTE MG O Diretor Geral do Câmpus Juiz de Fora do

Leia mais

IF SUDESTE MG REITORIA Av. Luz Interior, Lote 16, Quadra G, Bairro Estrela Sul - 36030-776 - Juiz de Fora - MG

IF SUDESTE MG REITORIA Av. Luz Interior, Lote 16, Quadra G, Bairro Estrela Sul - 36030-776 - Juiz de Fora - MG EDITAL Nº 03/2016, DE 26 DE FEVEREIRO DE 2016. PROCESSO SELETIVO PARA REMOÇÃO DE SERVIDORES TÉCNICO- ADMINISTRATIVOS EM EDUCAÇÃO E DOCENTES ENTRE AS UNIDADES DO IFSUDESTEMG O REITOR DO INSTITUTO FEDERAL

Leia mais

PROCESSO CLASSIFICATÓRIO DE AFASTAMENTO DE SERVIDORES TÉCNICO- ADMINISTRATIVOS EM EDUCAÇÃO DA UNIDADE ORGANIZACIONAL IFRS - CÂMPUS FELIZ

PROCESSO CLASSIFICATÓRIO DE AFASTAMENTO DE SERVIDORES TÉCNICO- ADMINISTRATIVOS EM EDUCAÇÃO DA UNIDADE ORGANIZACIONAL IFRS - CÂMPUS FELIZ EDITAL Nº 16/2015 PROCESSO CLASSIFICATÓRIO DE AFASTAMENTO DE SERVIDORES TÉCNICO- ADMINISTRATIVOS EM EDUCAÇÃO DA UNIDADE ORGANIZACIONAL IFRS - CÂMPUS FELIZ O DIRETOR-GERAL PRO TEMPORE DO INSTITUTO FEDERAL

Leia mais

IF SUDESTE MG PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO COORDENAÇÃO DE GESTÃO DE PESSOAS DIRETORIA DE PESQUISA, INOVAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO

IF SUDESTE MG PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO COORDENAÇÃO DE GESTÃO DE PESSOAS DIRETORIA DE PESQUISA, INOVAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO EDITAL Nº 06/2016 PROGRAMA DE APOIO À QUALIFICAÇÃO DE SERVIDORES DO IF SUDESTE MG GRADUAÇAO, PÓS-GRADUAÇÃO E PÓS-DOUTORADO. PROAQ/IF SUDESTE MG REITORIA E CAMPUS AVANÇADO DE BOM SUCESSO O Reitor do IF

Leia mais

PROGRAMA DE INCENTIVO PARA BOLSAS DE MESTRADO E DOUTORADO

PROGRAMA DE INCENTIVO PARA BOLSAS DE MESTRADO E DOUTORADO PROGRAMA DE INCENTIVO PARA BOLSAS DE MESTRADO E DOUTORADO EDITAL nº 02/2016 ABERTURA DE INSCRIÇÕES PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDO FATENEMODALIDADE MESTRADO E DOUTORADO O Diretor-Geral da Faculdade Terra

Leia mais

GOVERNO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO SUL DA BAHIA PRÓ-REITORIA DE PLANEJAMENTO E ADMINISTRAÇÃO

GOVERNO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO SUL DA BAHIA PRÓ-REITORIA DE PLANEJAMENTO E ADMINISTRAÇÃO Edital Nº 14/2015 - PROPA PROGRAMA DE APOIO FINANCEIRO PARA PARTICIPAÇÃO DOS SERVIDORES TÉCNICOS ADMINISTRATIVOS EM EDUCAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO SUL DA BAHIA (UFSB) EM CURSOS DE GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO

Leia mais

EDITAL Nº 001/2012-PROPPG, de 17 de janeiro de 2012.

EDITAL Nº 001/2012-PROPPG, de 17 de janeiro de 2012. PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INCENTIVO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS E TECNOLÓGICOS PARA SERVIDORES DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE GOIÁS (PIPECT/IFG) EDITAL Nº 001/-PROPPG,

Leia mais

PROGRAMA DE BOLSAS DE DOUTORADO FORA DO ESTADO EDITAL N 07/2015

PROGRAMA DE BOLSAS DE DOUTORADO FORA DO ESTADO EDITAL N 07/2015 PROGRAMA DE BOLSAS DE DOUTORADO FORA DO ESTADO EDITAL N 07/2015 O Presidente da Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico FUNCAP, Prof. Francisco César de Sá Barreto, no uso

Leia mais

PALMAS-TO MARÇO 2014

PALMAS-TO MARÇO 2014 REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INCENTIVOS A CURSOS TÉCNICOS PROFISSIONALIZANTES DE NÍVEL MÉDIO, À GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO PARA SERVIDORES DO IFTO PRÓ-QUALIFICAR. Aprovado pela Resolução nº 09/2014/CONSUP/IFTO,

Leia mais

Universidade Federal de São Paulo Pró-Reitoria de Gestão com Pessoas

Universidade Federal de São Paulo Pró-Reitoria de Gestão com Pessoas O CONSELHO DA PRÓ-REITORIA DE GESTÃO COM PESSOAS INSTITUI REGULAMENTO DE AFASTAMENTO DOS SERVIDORES TÉCNICO ADMINISTRATIVOS EM EDUCAÇÃO / UNIFESP PARA CAPACITAÇÃO E QUALIFICAÇÃO CAPÍTULO I DOS CONCEITOS

Leia mais

PORTARIA CNMP/PRESI Nº 48, DE 07 DE MAIO DE 2012.

PORTARIA CNMP/PRESI Nº 48, DE 07 DE MAIO DE 2012. PORTARIA CNMP/PRESI Nº 48, DE 07 DE MAIO DE 2012. Regulamenta o Programa de Pós-Graduação no âmbito do Conselho Nacional do Ministério Público O PRESIDENTE DO CONSELHO NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO, no

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº. 002 - CONSU DE 29 DE MAIO DE 2007

RESOLUÇÃO Nº. 002 - CONSU DE 29 DE MAIO DE 2007 Rua Governador Luiz Cavalcante, S/N, TELEFAX (82) 3530-3382 CEP: 57312-270 Arapiraca-Alagoas RESOLUÇÃO Nº. 002 - CONSU DE 29 DE MAIO DE 2007 Regulamenta, no âmbito da Uneal, os afastamentos dos servidores

Leia mais

Edital FAPERJ n.º 17/2010 Parceria CAPES/FAPERJ PROGRAMA EQUIPAMENTO SOLIDÁRIO CAPES/FAPERJ 2010

Edital FAPERJ n.º 17/2010 Parceria CAPES/FAPERJ PROGRAMA EQUIPAMENTO SOLIDÁRIO CAPES/FAPERJ 2010 Edital n.º 17/2010 Parceria / PROGRAMA EQUIPAMENTO SOLIDÁRIO / 2010 O Ministério da Educação, por meio da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, e o Governo do Estado do Rio de Janeiro,

Leia mais

EDITAL PROPI Nº 007/2014 - Bolsas de Doutorado e Auxílio Moradia na Modalidade do Novo Programa de Formação Doutoral Docente/CAPES (Novo Prodoutoral)

EDITAL PROPI Nº 007/2014 - Bolsas de Doutorado e Auxílio Moradia na Modalidade do Novo Programa de Formação Doutoral Docente/CAPES (Novo Prodoutoral) EDITAL PROPI Nº 007/2014 - Bolsas de Doutorado e Auxílio Moradia na Modalidade do Novo Programa de Formação Doutoral Docente/CAPES (Novo Prodoutoral) O Pró-Reitor de Pesquisa e Inovação do Instituto Federal

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA PROCESSO DE SELEÇÃO DE PROJETOS PARA O PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DO CNPQ MODALIDADES: PIBIC E PIBITI / 2013 2014 EDITAL Nº 65/PROPESP/IFRO, DE 22 DE JULHO DE

Leia mais

Programa Bolsa-Sênior

Programa Bolsa-Sênior CHAMADA PÚBLICA 09/2015 Programa Bolsa-Sênior A Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Paraná divulga a presente Chamada Pública e convida as instituições de ensino

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TOCANTINS REITORIA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TOCANTINS REITORIA EDITAL Nº 68/2014//IFTO, DE 22 DE DEZEMBRO DE 2014. SELEÇÃO DE PROFESSOR/INSTRUTOR DE LIBRAS PARA CAPACITAÇÃO DE SERVIDORES DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TOCANTINS. O REITOR

Leia mais

TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO PRESIDÊNCIA ATO Nº 360/DILEP.CDEP.SEGPES.GDGSET.GP, DE 7 DE JULHO DE 2014

TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO PRESIDÊNCIA ATO Nº 360/DILEP.CDEP.SEGPES.GDGSET.GP, DE 7 DE JULHO DE 2014 TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO PRESIDÊNCIA ATO Nº 360/DILEP.CDEP.SEGPES.GDGSET.GP, DE 7 DE JULHO DE 2014 Institui o Programa de Incentivo à Participação de Servidores do Tribunal Superior do Trabalho em

Leia mais

EDITAL Nº 05/2015 PROGRAMA DE INCENTIVO DE QUALIFICAÇÃO DOCENTE EM NÍVEL DE PÓS - GRADUAÇÃO STRICTO SENSU

EDITAL Nº 05/2015 PROGRAMA DE INCENTIVO DE QUALIFICAÇÃO DOCENTE EM NÍVEL DE PÓS - GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EDITAL Nº 05/2015 PROGRAMA DE INCENTIVO DE QUALIFICAÇÃO DOCENTE EM NÍVEL DE PÓS - GRADUAÇÃO STRICTO SENSU A Coordenação de Pesquisa e Extensão - COPEX torna público, no âmbito interno da Faculdade Leão

Leia mais

EDITAL Nº1/2015 - BOLSA PNPD/CAPES PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE E DESENVOLVIMENTO NA REGIÃO CENTRO-OESTE

EDITAL Nº1/2015 - BOLSA PNPD/CAPES PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE E DESENVOLVIMENTO NA REGIÃO CENTRO-OESTE EDITAL Nº1/2015 - BOLSA PNPD/CAPES PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE E DESENVOLVIMENTO NA REGIÃO CENTRO-OESTE 1. FINALIDADE 1.1. Abrir as inscrições e estabelecer as condições de seleção para ingresso

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE INCENTIVO À INICIAÇÃO CIENTÍFICA (MODALIDADES IC/ICJR) EDITAL n 02/2012/DIPESP/IFAM-CMC/IC-ICJR

PROGRAMA INSTITUCIONAL PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE INCENTIVO À INICIAÇÃO CIENTÍFICA (MODALIDADES IC/ICJR) EDITAL n 02/2012/DIPESP/IFAM-CMC/IC-ICJR MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO MÉDIA E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAZONAS DIRETORIA GERAL DO CAMPUS MANAUS CENTRO DIRETORIA DE PESQUISA E POS-GRADUAÇÃO

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº. 01 CONSEPE, DE 5 DE MARÇO DE 2015.

RESOLUÇÃO Nº. 01 CONSEPE, DE 5 DE MARÇO DE 2015. RESOLUÇÃO Nº. 01 CONSEPE, DE 5 DE MARÇO DE 2015. Regulamenta o Programa de Monitoria da Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM) e revoga as Resoluções CONSEPE nº 09/2013; 10/2014

Leia mais

Universidade Federal de Itajubá Pró Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação Diretoria de Pesquisa e Pós Graduação (DPPG) Campus de Itabira

Universidade Federal de Itajubá Pró Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação Diretoria de Pesquisa e Pós Graduação (DPPG) Campus de Itabira Universidade Federal de Itajubá Pró Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação Diretoria de Pesquisa e Pós Graduação (DPPG) Campus de Itabira EDITAL Nº 006/2016 Campus Itabira PIBIC/PIBITI CNPq, PIVIC Unifei

Leia mais

1. Do Programa Institucional de Qualificação de servidores do Instituto Federal Catarinense - PIQIFC:

1. Do Programa Institucional de Qualificação de servidores do Instituto Federal Catarinense - PIQIFC: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Catarinense Câmpus Rio do Sul EDITAL N 016/2015/GAB, de 02 de julho de 2015. PROCESSO SELETIVO INTERNO PARA O PROGRAMA INSTITUCIONAL DE QUALIFICAÇÃO

Leia mais

EDITAL Nº 001/2016/PR-PPGI/IFAM, DE 28 DE MARÇO DE 2016 PROGRAMA DE APOIO AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E DE INOVAÇÃO TECNOLOGICA - PADCIT.

EDITAL Nº 001/2016/PR-PPGI/IFAM, DE 28 DE MARÇO DE 2016 PROGRAMA DE APOIO AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E DE INOVAÇÃO TECNOLOGICA - PADCIT. EDITAL Nº 001/2016/PR-PPGI/IFAM, DE 28 DE MARÇO DE 2016 PROGRAMA DE APOIO AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E DE INOVAÇÃO TECNOLOGICA - PADCIT. A PRO-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO - PR-PPGI,

Leia mais

EDITAL Nº 002 DE 17 DE DEZEMBRO DE 2010 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

EDITAL Nº 002 DE 17 DE DEZEMBRO DE 2010 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLÓGIA DE MINAS GERAIS CAMPUS CONGONHAS DIRETORIA DE PESQUISA, INOVAÇÃO, PÓS-GRADUAÇÃO

Leia mais

Programa de Pós-Graduação em Ciência da Computação Universidade do Estado do Rio Grande do Norte Universidade Federal Rural do Semi-Árido

Programa de Pós-Graduação em Ciência da Computação Universidade do Estado do Rio Grande do Norte Universidade Federal Rural do Semi-Árido Programa de Pós-Graduação em Ciência da Computação Universidade do Estado do Rio Grande do Norte Universidade Federal Rural do Semi-Árido Edital 02/2015 - PPgCC/UERN PROCESSO SELETIVO PARA BOLSA DE PÓS-DOUTORADO

Leia mais

PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO - PRONATEC EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO PRONATEC EDITAL Nº 045/2015 IFRO/CAMPUS JI-PARANÁ

PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO - PRONATEC EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO PRONATEC EDITAL Nº 045/2015 IFRO/CAMPUS JI-PARANÁ EDITAL INSTITUCIONAL DE EXTENSÃO PRONATEC EDITAL Nº 045/2015 IFRO/CAMPUS JI-PARANÁ O Diretor Geral do Campus JI-PARANÁ, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia IFRO, no uso de

Leia mais

TORNA PÚBLICO. EDITAL Nº 01/2016 e-tec

TORNA PÚBLICO. EDITAL Nº 01/2016 e-tec EDITAL Nº 01/2016 e-tec A, através da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica e da Coordenação de Tecnologia na Educação, do da Universidade Tecnológica Federal do Paraná, no uso das suas atribuições,

Leia mais

EDITAL PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE MESTRADO DO PROGRAMA PMD/UCB/FAPDF 2015/2016 CHAMADAS I e II 1 PREÂMBULO

EDITAL PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE MESTRADO DO PROGRAMA PMD/UCB/FAPDF 2015/2016 CHAMADAS I e II 1 PREÂMBULO EDITAL PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE MESTRADO DO PROGRAMA PMD/UCB/FAPDF 2015/2016 CHAMADAS I e II 1 PREÂMBULO 1.1 A Pró-reitoria Acadêmica torna público o Edital do Programa de Bolsas de Mestrado 2015/2016

Leia mais

Para entrada em 2010/02 O presente Edital foi aprovado pelo Colegiado do curso em Produção Vegetal da Universidade Federal do Tocantins.

Para entrada em 2010/02 O presente Edital foi aprovado pelo Colegiado do curso em Produção Vegetal da Universidade Federal do Tocantins. FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS/UFT PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PRODUÇÃO VEGETAL PROCESSO DE SELEÇÃO PARA CURSO DE MESTRADO EDITAL Nº 01/2010 PGPV/UFT Para entrada em 2010/02 O presente Edital

Leia mais

Universidade Federal do Rio Grande Instituto de Oceanografia Programa de Pós Graduação em Oceanografia Física, Química e Geológica

Universidade Federal do Rio Grande Instituto de Oceanografia Programa de Pós Graduação em Oceanografia Física, Química e Geológica Universidade Federal do Rio Grande Instituto de Oceanografia Programa de Pós Graduação em Oceanografia Física, Química e Geológica O Programa de Pós-Graduação em Oceanografia Física, Química e Geológica

Leia mais

O REITOR DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RORAIMA

O REITOR DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RORAIMA EDITAL nº. 014/2015 Estabelece as normas do Processo Seletivo ao provimento de vagas para o Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em Planejamento e Gestão de Empreendimentos e Destinos Turísticos Sustentáveis,

Leia mais

REGIMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU NA MODALIDADE A DISTÂNCIA DO INSTITUTO FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO

REGIMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU NA MODALIDADE A DISTÂNCIA DO INSTITUTO FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO 1 Anexo I da Resolução do Conselho Superior nº 46/2011, de 13/09/2011. REGIMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU NA MODALIDADE A DISTÂNCIA DO INSTITUTO FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO REGIMENTO DOS CURSOS

Leia mais

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA VOLUNTÁRIA DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SÃO PAULO Campus Campinas

PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA VOLUNTÁRIA DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SÃO PAULO Campus Campinas PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA VOLUNTÁRIA DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SÃO PAULO Campus Campinas EDITAL N O 12, DE 23 DE ABRIL DE 2015 O Diretor Geral do Campus Campinas

Leia mais

EDITAL Nº 06, DE 21 DE AGOSTO DE 2015 SELEÇÃO PARA A PARTICIPAÇÃO DE DOCENTES EM EVENTOS E CURSOS DE QUALIFICAÇÃO

EDITAL Nº 06, DE 21 DE AGOSTO DE 2015 SELEÇÃO PARA A PARTICIPAÇÃO DE DOCENTES EM EVENTOS E CURSOS DE QUALIFICAÇÃO EDITAL Nº 06, DE 21 DE AGOSTO DE 2015 SELEÇÃO PARA A PARTICIPAÇÃO DE DOCENTES EM EVENTOS E CURSOS DE QUALIFICAÇÃO O DIRETOR DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAZONAS, nomeado pela

Leia mais

2.1. As inscrições estarão abertas no período de 10 de fevereiro a 05 de maio de 2014.

2.1. As inscrições estarão abertas no período de 10 de fevereiro a 05 de maio de 2014. EDITAL Nº 01/2014 PROCESSO DE SELEÇÃO A Universidade Federal do Tocantins UFT, por meio da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós- Graduação PROPESQ, torna pública a abertura de inscrições para selecionar candidatos

Leia mais

EDITAL N 024/2016 Referente ao Aviso N 032/2016, publicado no D.O.E. de 16/03/2016.

EDITAL N 024/2016 Referente ao Aviso N 032/2016, publicado no D.O.E. de 16/03/2016. EDITAL N 024/2016 Referente ao Aviso N 032/2016, publicado no D.O.E. de 16/03/2016. O REITOR DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA (UNEB), no uso de suas atribuições legais e regimentais, com fundamento na

Leia mais

EDITAL Nº 05/ SGP/ 2014 SELEÇÃO PARA CONCESSÃO DA BOLSA DE ESTUDOS EM IDIOMAS REFERENTE AO EXERCÍCIO 2014

EDITAL Nº 05/ SGP/ 2014 SELEÇÃO PARA CONCESSÃO DA BOLSA DE ESTUDOS EM IDIOMAS REFERENTE AO EXERCÍCIO 2014 EDITAL Nº 05/ SGP/ 2014 SELEÇÃO PARA CONCESSÃO DA BOLSA DE ESTUDOS EM IDIOMAS REFERENTE AO EXERCÍCIO 2014 A SUPERINTENDENTE DE GESTÃO DE PESSOAS, no uso de suas atribuições conferidas pelo art. 2º, inciso

Leia mais

EDITAL Nº 01/2009-DPPG

EDITAL Nº 01/2009-DPPG EDITAL Nº 01/2009-DPPG A Diretoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Extensão do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás, no uso de suas atribuições, torna público que estão abertas as

Leia mais

EDITAL Nº 100, DE 04 DE NOVEMBRO DE 2015

EDITAL Nº 100, DE 04 DE NOVEMBRO DE 2015 EDITAL Nº 100, DE 04 DE NOVEMBRO DE 2015 O REITOR DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE RONDÔNIA, no uso de suas atribuições e considerando a necessidade de qualificação dos Servidores

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB EDITAL Nº 059/2012-UAB-UEM

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB EDITAL Nº 059/2012-UAB-UEM EDITAL Nº 059/2012-UAB-UEM A Coordenadora da UAB da Universidade Estadual de Maringá, no uso das atribuições, TORNA PÚBLICO: A abertura de inscrições do processo seletivo para contratação de TUTOR (PRESENCIAL)

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA Setor de Ciências Sociais Aplicadas Departamento de Serviço Social

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA Setor de Ciências Sociais Aplicadas Departamento de Serviço Social PROCESSO SELETIVO PARA TUTORES A DISTÂNCIA: UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA Setor de Ciências Sociais Aplicadas Departamento de Serviço Social EDITAL 001/2013 A Universidade Estadual de Ponta Grossa,

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE PERNAMBUCO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE PERNAMBUCO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE PERNAMBUCO PLANO INSTITUCIONAL DE CAPACITAÇÃO DOS SERVIDORES DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE PERNAMBUCO PROPOSTA

Leia mais

RESOLUÇÃO DO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO (CONSEPE) N.º 09/2010

RESOLUÇÃO DO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO (CONSEPE) N.º 09/2010 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS RESOLUÇÃO DO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO (CONSEPE) (alterada pela Resolução Consepe n.º 24/2011) N.º 09/2010 Dispõe sobre as normas

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS

UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU MBA EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS EDITAL Nº 01/2014 PROCESSO DE SELEÇÃO A Universidade Federal do Tocantins UFT, por meio da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós- Graduação PROPESQ, torna pública a abertura de inscrições para selecionar candidatos

Leia mais

3.1. A Bolsa assegurará auxílio financeiro ao contemplado e será concedida em doze parcelas.

3.1. A Bolsa assegurará auxílio financeiro ao contemplado e será concedida em doze parcelas. EDITAL PIBIC-EM Nº 01/2015 O Reitor da Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC, com vistas à chamada para a seleção de bolsista de Iniciação Científica para o Ensino Médio PIBIC-EM, sob a Coordenação

Leia mais

SERVIÇO PUBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação PROPEP

SERVIÇO PUBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação PROPEP SERVIÇO PUBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação PROPEP Edital nº 23, de 24 de fevereiro de 2014 Retificado em 25/02/2014 O REITOR DA UNIVERSIDADE FEDERAL

Leia mais

EDITAL PROPP Nº 143, DE 10 DE DEZEMBRO DE 2014.

EDITAL PROPP Nº 143, DE 10 DE DEZEMBRO DE 2014. EDITAL PROPP Nº 143, DE 10 DE DEZEMBRO DE 2014. O PRÓ-REITOR DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO, da Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, no uso de suas atribuições, torna pública a abertura

Leia mais

EDITAL Nº 05/2013 PROCESSO SELETIVO PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE PÓS-GRADUAÇÃO (PROSUP/CAPES) NO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM COMUNICAÇÃO

EDITAL Nº 05/2013 PROCESSO SELETIVO PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE PÓS-GRADUAÇÃO (PROSUP/CAPES) NO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM COMUNICAÇÃO 1. Do objeto: EDITAL Nº 05/2013 PROCESSO SELETIVO PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE PÓS-GRADUAÇÃO (PROSUP/CAPES) NO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM COMUNICAÇÃO 1.1. A Comissão de Bolsas de Estudo

Leia mais

CHAMADA PARA O PROCESSO DE INSCRIÇÃO 2014/2015 DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DA FUNCAP

CHAMADA PARA O PROCESSO DE INSCRIÇÃO 2014/2015 DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DA FUNCAP CHAMADA PARA O PROCESSO DE INSCRIÇÃO 2014/2015 DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DA FUNCAP CHAMADA Nº. 13/2013 DETALHAMENTO GERAL INTRODUÇÃO A (FUNCAP), vinculada

Leia mais

LINHA DE PESQUISA 2 - Atenção Integral em Perinatologia

LINHA DE PESQUISA 2 - Atenção Integral em Perinatologia Edital nº 01/2015 A Direção da Maternidade Escola da Universidade Federal do Rio de Janeiro, a pedido da Coordenação do Mestrado Profissional em Saúde Perinatal, torna público que, no período compreendido

Leia mais

EDITAL Nº 002/2015/PROPE SELEÇÃO DE ORIENTADORES E PROJETOS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

EDITAL Nº 002/2015/PROPE SELEÇÃO DE ORIENTADORES E PROJETOS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA EDITAL Nº 002/2015/PROPE SELEÇÃO DE ORIENTADORES E PROJETOS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA - PIBIC/FAPEMIG PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

Leia mais

EDITAL PPGD/IMED nº 016/2014 de 13 de Junho de 2014

EDITAL PPGD/IMED nº 016/2014 de 13 de Junho de 2014 EDITAL PPGD/IMED nº 016/2014 de 13 de Junho de 2014 EDITAL DE SELEÇÃO DE DISCENTES BENEFICIÁRIOS DE BOLSAS E DE AUXÍLIOS PARA PAGAMENTO DE TAXAS CAPES - PROSUP DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU

Leia mais

EDITAL N.º 001/FISA FUNEC- 2015

EDITAL N.º 001/FISA FUNEC- 2015 EDITAL N.º 001/FISA FUNEC- 2015 A Fundação Municipal de Educação e Cultura de Santa Fé do Sul FUNEC, no uso de suas atribuições legais, através da Coordenação do Núcleo de Pesquisa e Extensão NUPEx, torna

Leia mais

EDITAL SAL/MJ Nº 1, DE 3 DE FEVEREIRO DE 2016 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO

EDITAL SAL/MJ Nº 1, DE 3 DE FEVEREIRO DE 2016 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO MINISTÉRIO DA JUSTIÇA Secretaria de Assuntos Legislativos Esplanada dos Ministérios, Ed. Sede, bloco T, 4º andar, sala 434 (61) 2025 3376 / 3114 E-mail: sal@mj.gov.br EDITAL SAL/MJ Nº 1, DE 3 DE FEVEREIRO

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE CURSINHOS POPULARES DO IFSP EDITAL Nº 593, DE 28 DE OUTUBRO DE 2015

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE CURSINHOS POPULARES DO IFSP EDITAL Nº 593, DE 28 DE OUTUBRO DE 2015 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE CURSINHOS POPULARES DO IFSP EDITAL Nº 593, DE 28 DE OUTUBRO DE 2015 O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP), por meio de sua Pró-reitoria de

Leia mais

EDITAL Abertura de Processo Seletivo

EDITAL Abertura de Processo Seletivo EDITAL Abertura de Processo Seletivo Projeto de Iniciação Científica das Faculdades Integradas Campo-grandenses (FIC) Dispõe sobre as normas para o processo de chamada de propostas de projetos de iniciação

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE-FURG PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE-FURG PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE-FURG PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO Av. Itália, Km8 Campus Carreiros Rio Grande, RS Brasil 96201-900 fone: 53.32336772 e-mail:prograd@furg.br

Leia mais

CRONOGRAMA DO CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES 2015/2º SEM.

CRONOGRAMA DO CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES 2015/2º SEM. CRONOGRAMA DO CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES 2015/2º SEM. ATIVIDADES DATAS Publicação do Edital 29 de agosto de 2015 Período de inscrições de 31 de agosto a 29 de setembro de 2015 Período de realização

Leia mais

REGULAMENTO PARA PERCEPÇÃO DE BOLSAS NO ÂMBITO DO IFTO Aprovado pela Resolução nº 01/2014/CONSUP/IFTO, de 14 de março de 2014.

REGULAMENTO PARA PERCEPÇÃO DE BOLSAS NO ÂMBITO DO IFTO Aprovado pela Resolução nº 01/2014/CONSUP/IFTO, de 14 de março de 2014. REGULAMENTO PARA PERCEPÇÃO DE BOLSAS NO ÂMBITO DO IFTO Aprovado pela Resolução nº 01/2014/CONSUP/IFTO, de 14 de março de 2014. Regulamenta a percepção de bolsas por servidores do Instituto Federal de Educação,

Leia mais

Governo do Estado de Mato Grosso Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA DO ESTADO DE MATO GROSSO

Governo do Estado de Mato Grosso Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA DO ESTADO DE MATO GROSSO Resolução Nº 04, de 21 de junho de 2006. Aprova o Regulamento das Bolsas para o Apoio à Pós-Graduação de Instituições Públicas e Privadas de Ensino (MT-PG). O PRESIDENTE DO CONSELHO CURADOR DA FUNDAÇÃO

Leia mais

EDITAL Nº 409/14 -PROGEPE CONCURSO PÚBLICO

EDITAL Nº 409/14 -PROGEPE CONCURSO PÚBLICO Ministério da Educação UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas EDITAL Nº 409/14 -PROGEPE CONCURSO PÚBLICO Por delegação de competência do Magnífico Reitor da Universidade Federal

Leia mais

EDITAL MESTRADO 2016

EDITAL MESTRADO 2016 EDITAL MESTRADO 2016 Edital do Exame de Seleção para ingresso no Mestrado do Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia do Centro de Ciências da Saúde da Universidade Federal do Espírito Santo. A Coordenação

Leia mais

EDITAL Nº 017, DE 10 DE OUTUBRO DE 2014 PROCESSO DE SELEÇÃO DE ESTUDANTES NO ÂMBITO DO PROGRAMA DE MONITORIA (VOLUNTÁRIA)

EDITAL Nº 017, DE 10 DE OUTUBRO DE 2014 PROCESSO DE SELEÇÃO DE ESTUDANTES NO ÂMBITO DO PROGRAMA DE MONITORIA (VOLUNTÁRIA) EDITAL Nº 017, DE 10 DE OUTUBRO DE 2014 PROCESSO DE SELEÇÃO DE ESTUDANTES NO ÂMBITO DO PROGRAMA DE MONITORIA (VOLUNTÁRIA) O DIRETOR DE IMPLANTAÇÃO DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº. 36 DO CONSELHO SUPERIOR, DE 20 DE JULHO DE 2015.

RESOLUÇÃO Nº. 36 DO CONSELHO SUPERIOR, DE 20 DE JULHO DE 2015. RESOLUÇÃO Nº. 36 DO CONSELHO SUPERIOR, DE 20 DE JULHO DE 2015. O Presidente do Conselho Superior do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sertão Pernambucano, no uso de suas atribuições

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA CONCESSÃO DE BOLSAS ESTUDOS DA CAPES MESTRADO e DOUTORADO EDITAL 1º/2013

PROCESSO SELETIVO PARA CONCESSÃO DE BOLSAS ESTUDOS DA CAPES MESTRADO e DOUTORADO EDITAL 1º/2013 UNIVERSIDADE ANHANGUERA UNIDERP PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO REGIONAL PROCESSO SELETIVO PARA CONCESSÃO DE BOLSAS ESTUDOS

Leia mais

PROGRAMA PROATC INCENTIVO À APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS EM EVENTOS CIENTÍFICOS, TECNOLÓGICOS E ARTÍSTICO-CULTURAIS

PROGRAMA PROATC INCENTIVO À APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS EM EVENTOS CIENTÍFICOS, TECNOLÓGICOS E ARTÍSTICO-CULTURAIS EDITAL INTERNO Nº 06/2015 PROGRAMA PROATC INCENTIVO À APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS EM EVENTOS CIENTÍFICOS, TECNOLÓGICOS E ARTÍSTICO-CULTURAIS A Pró-Reitoria de Pesquisa, Inovação e Pós-Graduação (PROPPI)

Leia mais

EDITAL FAPEMIG 06/2014

EDITAL FAPEMIG 06/2014 EDITAL FAPEMIG 06/2014 BOLSA DE INCENTIVO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO DESTINADA A SERVIDOR PÚBLICO ESTADUAL A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais FAPEMIG, nos termos

Leia mais

EDITAL PARA INSCRIÇÃO DE SOLICITAÇÃO DE BENEFÍCIO PROSUP/CAPES MESTRADO EM DIREITO - 1º SEMESTRE/2014

EDITAL PARA INSCRIÇÃO DE SOLICITAÇÃO DE BENEFÍCIO PROSUP/CAPES MESTRADO EM DIREITO - 1º SEMESTRE/2014 EDITAL PARA INSCRIÇÃO DE SOLICITAÇÃO DE BENEFÍCIO PROSUP/CAPES MESTRADO EM DIREITO - 1º SEMESTRE/2014 1. A Coordenação do Programa de Pós-graduação em Direito (Mestrado) da Universidade de Marília - UNIMAR,

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº. 066 CONSUPER/2013

RESOLUÇÃO Nº. 066 CONSUPER/2013 RESOLUÇÃO Nº. 066 CONSUPER/2013 Dispõe sobre o Regulamento sobre Movimentação de servidores no âmbito do Instituto Federal Catarinense. O Presidente do do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia

Leia mais

EDITAL Nº 002/2014- PARFOR/PREG, DE 24 DE MARÇO DE 2014.

EDITAL Nº 002/2014- PARFOR/PREG, DE 24 DE MARÇO DE 2014. EDITAL Nº 002/2014- PARFOR/PREG, DE 24 DE MARÇO DE 2014. RELATIVO AO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DE PROFESSOR FORMADOR, PROFESSOR ORIENTADOR E SUPERVISOR DE ESTÁGIO PARA O PARFOR/UESPI 2014.1. A Pró-Reitoria

Leia mais

Regimento do Programa do Programa de Pós-Graduação em Psicologia Institucional

Regimento do Programa do Programa de Pós-Graduação em Psicologia Institucional Regimento do Programa do Programa de Pós-Graduação em Psicologia Institucional TÍTULO I OBJETIVOS Art. 1º O Programa de Pós-Graduação em Psicologia Institucional, em nível de Mestrado, tem por objetivos:

Leia mais

1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

1. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Pró-Reitoria de Extensão, Pesquisa e Inovação Coordenação geral do PRONATEC Programa de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego PRONATEC/IFPR Processo Seletivo Simplificado n.º 12/2015 A Coordenação Geral do

Leia mais

Divulgação do edital 26/03 Inscrições 29/03 a 29/04 Avaliação dos documentos 03/05

Divulgação do edital 26/03 Inscrições 29/03 a 29/04 Avaliação dos documentos 03/05 UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS/UFT CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE PALMAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE - PGCS/UFT EDITAL DE SELEÇÃO N. 01/2010 O Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde,

Leia mais

EDITAL Nº 005/2015/PROPE SELEÇÃO SIMPLIFICADA DE ORIENTADORES E PROPOSTAS DE ESTUDO PARA BOLSISTAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

EDITAL Nº 005/2015/PROPE SELEÇÃO SIMPLIFICADA DE ORIENTADORES E PROPOSTAS DE ESTUDO PARA BOLSISTAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA EDITAL Nº 005/2015/PROPE SELEÇÃO SIMPLIFICADA DE ORIENTADORES E PROPOSTAS DE ESTUDO PARA BOLSISTAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA JÚNIOR PIBIC-JR/FAPEMIG

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CENTRO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR A DISTÂNCIA. E D I T A L Nº 004/2015, de 23 de março de 2015

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CENTRO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR A DISTÂNCIA. E D I T A L Nº 004/2015, de 23 de março de 2015 UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CENTRO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR A DISTÂNCIA E D I T A L Nº 004/2015, de 23 de março de 2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA TUTORIA A DISTÂNCIA EM GEOGRAFIA O CENTRO DE

Leia mais

Ministério da Educação. Campus Londrina Diretoria de Graduação e Educação Profissional Coordenação de Tecnologia na Educação

Ministério da Educação. Campus Londrina Diretoria de Graduação e Educação Profissional Coordenação de Tecnologia na Educação EDITAL Nº 01/2014- etec (COTED-LD) A Diretoria de Graduação e Educação Profissional, através da Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica e da Coordenação de Tecnologia na Educação, do da, no uso

Leia mais

Decanato de Pesquisa e Pós-Graduação Universidade de Brasília

Decanato de Pesquisa e Pós-Graduação Universidade de Brasília (UnB) Decanato de Pesquisa e Pós-Graduação (DPP) Programa de Bolsas de Mestrado e Doutorado da e Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (ProMD/UnB/FAPDF/2016) BOLSAS REMANESCENTES DO EDITAL ProMD/UnB/FAPDF

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA - UESB Recredenciada pelo Decreto Estadual N 9.996, de 02.05.2006 EDITAL N.º 003/2015

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA - UESB Recredenciada pelo Decreto Estadual N 9.996, de 02.05.2006 EDITAL N.º 003/2015 UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA - UESB Recredenciada pelo Decreto Estadual N 9.996, de 02.05.2006 EDITAL N.º 003/2015 O Reitor da UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA - UESB, no uso de

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE SANTA CATARINA DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE SANTA CATARINA DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA PROCESSO SELETIVO nº33/2014/dead/2014/dead EDITAL PARA SELEÇÃO DE PROFESSOR ORIENTADOR DEAD RETIFICADO A Reitora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina (IFSC), no uso

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE SANTA CATARINA DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE SANTA CATARINA DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE SANTA CATARINA DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA PROCESSO SELETIVO nº. 03/2014/DEAD EDITAL PARA SELEÇÃO DE TUTOR A DISTÂNCIA A Reitora do Instituto Federal

Leia mais

Edição nº 35/2016 Brasília - DF, quinta-feira, 3 de março de 2016. Diretoria Geral INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 38, DE 1_DE_MARÇO_DE 2016

Edição nº 35/2016 Brasília - DF, quinta-feira, 3 de março de 2016. Diretoria Geral INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 38, DE 1_DE_MARÇO_DE 2016 Diretoria Geral INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 38, DE 1_DE_MARÇO_DE 2016 Dispõe sobre a concessão de bolsa de estudo para curso de pós-graduação no âmbito do Conselho Nacional de Justiça. O DIRETOR-GERAL DO CONSELHO

Leia mais

SELEÇÃO DE BOLSISTAS 2014/2015

SELEÇÃO DE BOLSISTAS 2014/2015 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA BAHIA PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO EDITAL Nº 03/2014/PRPGI PIBITI, PIBIC, PIBIC-EM, PIVITI, PIVIC e PIVIC-EM SELEÇÃO DE BOLSISTAS

Leia mais

EDITAL PREG Nº 126, DE 25 DE SETEMBRO DE 2015.

EDITAL PREG Nº 126, DE 25 DE SETEMBRO DE 2015. EDITAL PREG Nº 126, DE 25 DE SETEMBRO DE 2015. A PRÓ-REITORA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO da Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, no uso de suas atribuições legais e conforme a Lei nº 11.273,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ - REITORIA DE ENSINO E GRADUAÇÃO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA SISTEMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ PRÓ - REITORIA DE ENSINO E GRADUAÇÃO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA SISTEMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL EDITAL Nº 003/2013 DEaD/UNIFAP PROCESSO SELETIVO PARA TUTOR DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO EM SAÚDE A Pró-Reitoria de Ensino e Graduação PROGRAD, através do Departamento de Educação à Distância,

Leia mais

EDITAL Nº 02/2016/DG/IFCE/CRATEÚS

EDITAL Nº 02/2016/DG/IFCE/CRATEÚS EDITAL Nº 02/2016/DG/IFCE/CRATEÚS Dispõe sobre os procedimentos para seleção de propostas para participação em eventos científicos (com apresentação de trabalhos) e/ou cursos de capacitação, que orientarão

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU: ESPECIALIZAÇÃO GESTÃO DE CURRÍCULO NA FORMAÇÃO DOCENTE CAPÍTULO 1 DA ORGANIZAÇÃO GERAL

REGIMENTO INTERNO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU: ESPECIALIZAÇÃO GESTÃO DE CURRÍCULO NA FORMAÇÃO DOCENTE CAPÍTULO 1 DA ORGANIZAÇÃO GERAL REGIMENTO INTERNO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU: ESPECIALIZAÇÃO GESTÃO DE CURRÍCULO NA FORMAÇÃO DOCENTE CAPÍTULO 1 DA ORGANIZAÇÃO GERAL Art. 1 - O curso de Pós-Graduação Lato Sensu Especialização

Leia mais

Inscrição nº REQUERIMENTO PARA INSCRIÇÃO NO PROCESSO SELETIVO DE PROFESSOR PESQUISADOR (BOLSISTA TEMPORÁRIO/CAPES/UAB)

Inscrição nº REQUERIMENTO PARA INSCRIÇÃO NO PROCESSO SELETIVO DE PROFESSOR PESQUISADOR (BOLSISTA TEMPORÁRIO/CAPES/UAB) Inscrição nº REQUERIMENTO PARA INSCRIÇÃO NO PROCESSO SELETIVO DE PROFESSOR PESQUISADOR (BOLSISTA TEMPORÁRIO/CAPES/UAB) Ilma. Srª. Diretora da Faculdade de Políticas Públicas Tancredo Neves / CBH / UEMG

Leia mais

CONSELHO CIENTÍFICO-ADMINISTRATIVO DA FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E INOVAÇÃO DO ESPÍRITO SANTO RESOLUÇÃO Nº 124, DE 18 DE DEZEMBRO DE 2014.

CONSELHO CIENTÍFICO-ADMINISTRATIVO DA FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E INOVAÇÃO DO ESPÍRITO SANTO RESOLUÇÃO Nº 124, DE 18 DE DEZEMBRO DE 2014. CONSELHO CIENTÍFICO-ADMINISTRATIVO DA FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E INOVAÇÃO DO ESPÍRITO SANTO RESOLUÇÃO Nº 124, DE 18 DE DEZEMBRO DE 2014. Regulamenta o Programa Institucional de Bolsas de Pós-graduação

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA INSTITUTO DE HUMANIDADES, ARTES E CIÊNCIAS PROGRAMA MULTIDISCIPLINAR DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CULTURA E SOCIEDADE

UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA INSTITUTO DE HUMANIDADES, ARTES E CIÊNCIAS PROGRAMA MULTIDISCIPLINAR DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CULTURA E SOCIEDADE NORMAS PARA BOLSAS DE ESTUDOS DO PROGRAMA (Aprovada pelo Colegiado de Curso em 13 de outubro de 2014) 1 DAS BOLSAS DE ESTUDOS 1.1 O Programa Multidisciplinar de Pós-Graduação em Cultura e Sociedade (Pós-Cultura)

Leia mais

UNIABEU CENTRO UNIVERSITÁRIO EDITAL CONCURSOS DE BOLSAS 2016.1

UNIABEU CENTRO UNIVERSITÁRIO EDITAL CONCURSOS DE BOLSAS 2016.1 UNIABEU CENTRO UNIVERSITÁRIO EDITAL CONCURSOS DE BOLSAS 2016.1 O Reitor do UNIABEU - Centro Universitário torna pública a abertura de inscrições para o Processo Seletivo Social, para o 1º semestre de 2016,

Leia mais

CHAMADA N 001/ 2012 - DPG-CEFET/MG PROGRAMA INSTITUCIONAL DE APOIO À GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO DE SERVIDORES

CHAMADA N 001/ 2012 - DPG-CEFET/MG PROGRAMA INSTITUCIONAL DE APOIO À GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO DE SERVIDORES CHAMADA N 001/ 2012 - DPG-CEFET/MG PROGRAMA INSTITUCIONAL DE APOIO À GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO DE SERVIDORES O CEFET-MG, por meio da Diretoria de Planejamento e Gestão e da Coordenação Geral de Desenvolvimento

Leia mais

Programa Estágio de Curta Duração CAPES/Fundação Carolina

Programa Estágio de Curta Duração CAPES/Fundação Carolina SPArq nº 0000.01752/2011 Programa Estágio de Curta Duração CAPES/Fundação Carolina Edital CAPES nº. 02/2011 Publicada no DOU de 13/01/11 seção 3 pág. 24 A Fundação Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal

Leia mais

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO EM DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E INOVAÇÃO PIBITI EDITAL N o 03/2009

PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO EM DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO E INOVAÇÃO PIBITI EDITAL N o 03/2009 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE PRÓ-REITORIA DE PESQUISA CONSELHO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO CIENTÍFCO E TECNOLÓGICO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO

Leia mais