Série II Ano 2 3º Trimestre julho/agosto/setembro euro. CARRIS comemora. Simulacro confirma segurança no METRO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Série II Ano 2 3º Trimestre julho/agosto/setembro 2014 1 euro. CARRIS comemora. Simulacro confirma segurança no METRO"

Transcrição

1 Série II Ano 2 3º Trimestre julho/agosto/setembro euro CARRIS comemora Simulacro confirma segurança no METRO

2 EDITORIAL CARRIS de parabéns Em 18 de Setembro de 1872, no Rio de Janeiro, pela mão dos irmãos Luciano e Francisco Maria Cordeiro de Sousa, e um grupo de empresários, portugueses e brasileiros, era constituída a empresa Companhia Carris de Ferro de Lisboa, com o objetivo de concorrer à exploração dos transportes urbanos na cidade de Lisboa. Nessa data, ninguém diria que agora estaríamos aqui a comemorar os 142 anos desta empresa. Este é certamente um motivo de orgulho para todos os colaboradores e ex-colaboradores da CARRIS, não só pela sua longevidade, mas sobretudo por tudo o que esta empresa tem vindo a fazer pela cidade de Lisboa, garantindo sempre níveis de mobilidade que em nada nos envergonham, quando comparados com os das maiores e mais evoluídas cidades da Europa. E como uma empresa é o reflexo do seu capital humano, nada melhor do que, na data do seu aniversário, distinguir os seus colaboradores mais antigos e todos aqueles em que o seu contributo tem sido importante para o desempenho e para a imagem da empresa. Vamos ainda distinguir os colaboradores que se evidenciaram ao nível da inovação. A todos os distinguidos os nossos parabéns. No passado dia de 5 de julho, o METROPOLITANO DE LISBOA promoveu mais um simulacro, desta vez na estação Amadora-Este com os seus meios internos e envolvendo entidades externas, nomeadamente os Bombeiros, a Proteção Civil e a PSP, ação que destacamos pela sua importância ao nível da segurança, tanto dos seus clientes como dos seus colaboradores, e pelos contributos positivos que trouxe para garantir a maior articulação possível entre as diversas entidades em situação de emergência. Finalmente, não podemos deixar de salientar o elevado esforço que tanto a CARRIS como o METROPOLITANO DE LISBOA têm feito, juntamente com as autoridades policiais, no sentido de prevenir e combater a fraude nos transportes públicos. Estas ações destacam-se por serem concertadas entre os dois operadores, complementando o trabalho desenvolvido internamente pelas equipas de fiscalização de cada um deles. Todos nós esperamos que estas ações venham a contribuir para uma redução da fraude, contribuindo assim para a melhoria da sustentabilidade destas empresas que, como todos nós sabemos, depende cada vez mais da receita que vão obtendo. António Martins Marques Consulte a versão digital VIA lx, nos sites da CARRIS e do METROPOLITANO DE LISBOA, através dos QR Codes jul/ago/set

3 É NOTÍCIA É NOTÍCIA Turistas preferem transportes públicos em Lisboa Vogue Fashion Night no METRO A estação Baixa-Chiado vestiu-se de encanto e glamour para encher as vistas de quem, a 11 de setembro, decidiu passear no eixo Chiado/Príncipe Real/Avenida da Liberdade/Rua Castilho e participar na Vogue Fashion Night Out. Dezenas de lojas da baixa lisboeta abriram as portas no horário noturno para fazer as delícias dos amantes de moda através da oferta de uma programação especial repleta de promoções de produtos de moda, arte, animação e muito convívio. Na estação Baixa-Chiado a dinâmica passou pela exposição de coleções primavera/verão de designers finalistas da Escola de Moda de Lisboa, dispostas de forma dispersa por vários locais da estação. A reação do público foi positiva, face à qualidade dos trabalhos apresentados e também a todo o ambiente festivo que um evento como a Vogue Fashion Night Out traz consigo. ML/MCC agosto.2014 Vá nos transportes de Lisboa. Uma viagem que nos une. Transportes de Lisboa A Carruagem filmada em viagem O METROPOLITANO DE LISBOA é co-produtor de uma curta-metragem intitulada A Carruagem, que conta com a participação da atriz Leonor Seixas e do Maestro Vítorino D Almeida, bem como de outras figuras de renome do universo musical e cinematográfico nacional. O argumento de A Carruagem tem a assinatura de Anne Vítorino D Almeida e dá lugar de destaque ao METRO, uma vez que a maioria das cenas apresentadas se passa no interior de uma carruagem ML90. Muitos deles estão habituados a usar metropolitanos, autocarros e comboios nos seus países de origem. Fazem-no com a naturalidade de quem vive ou trabalha em cidades muito movimentadas. E quando muitos destes turistas chegam a Lisboa, não dispensam a oportunidade de percorrer a capital portuguesa. CARRIS apoia seminário sobre hidrogénio em autocarros A intensa procura de bilhetes de METRO e CARRIS, de Lisboa Cards, de carregamentos de Zapping e até de bilhetes diários para viagens de autocarro e metropolitano nos meses de julho, agosto e setembro confirma a predileção dos turistas que visitam a capital pelos transportes públicos. Só no ano passado, em que Portugal registou um acréscimo de 6,6% na procura turística, os 9,3 milhões de títulos ocasionais vendidos em Lisboa nestes três meses de verão correspondeu a mais de um quarto (28%) do número de títulos vendidos ao longo de todo o ano 2013 nas bilheteiras da CARRIS e METRO. Em 2012, havia correspondido a 29% do número total de títulos ocasionais vendidos nesse ano. Elétricos, ascensores e elevador da CARRIS têm registado, por estes dias, uma elevada procura por parte de visitantes que escolhem Lisboa para uns dias de passeio. Integram percursos turísticos que muitos trazem previamente definidos ou são descobertos ali mesmo, durante uma passagem espontânea pelos locais de partida ou chegada. No METRO, Baixa-Chiado, Oriente e Cais do Sodré ocupam o topo da lista das estações mais movimentadas no pico do verão. Coincidem com algumas das zonas mais mediáticas da cidade, com grande dinamização comercial ou com interfaces relevantes na rede de transportes públicos. A estação do Colégio Militar/Luz, junto ao Estádio da Luz e ao Centro Comercial Colombo, regista igualmente uma procura intensa nos meses de verão. Seguem-se as estações de Restauradores, Rossio e Jardim Zoológico, amplamente frequentadas por turistas durante os meses de julho, agosto e setembro. Conhecer o desenvolvimento dos projetos em curso na União Europeia sobre veículos e infraestrutura do hidrogénio, bem como o potencial contributo desta tecnologia para uma mobilidade sustentável foram alguns dos objetivos que levaram à realização, a 27 de junho, do seminário internacional Hydrogen Fuel Cells Bus. O evento decorreu no Complexo de Santo Amaro da CARRIS, numa iniciativa conjunta da Associação Portuguesa para a Promoção do Hidrogénio (AP2H2) e do Energyin Pólo de Competitividade e Tecnologia da Energia e do Projeto Europeu CHIC 2, em parceria com a CARRIS e outras entidades nacionais e internacionais. Esta foi também uma oportunidade para perceber o enquadramento legal do recurso a esta tecnologia e de eventuais oportunidades de financiamento nesta área. Em Lisboa estiveram especialistas internacionais e representantes do setor dos transportes, do setor do gás, da comunidade académica e científica, da administração local e central e de autoridades públicas. Ao apoiar a organização deste seminário, a CARRIS evidenciou, mais uma vez, o papel relevante e pioneiro que tem tido no estudo, difusão, experimentação e utilização de propulsões / combustíveis alternativos. 4 jul/ago/set 2014 jul/ago/set

4 É NOTÍCIA É NOTÍCIA METROCOM Damos vida ao METRO CARRISTUR BRACARA TOUR ESTÁ DE VOLTA Está de regresso a Braga o circuito turístico Bracara Tour, realizado uma vez mais em parceria com os Transportes Urbanos de Braga. Este ano, o circuito conta com uma alteração do percurso, agora com uma breve passagem pelo centro histórico da cidade, paragem em frente ao Posto de Turismo e paragem mais prolongada no Bom Jesus (10 a 15 minutos) para permitir a visita ao Santuário e o regresso ao centro da cidade no mesmo autocarro. O circuito estará em funcionamento até 30 de setembro, à exceção das segundas-feiras. Os bilhetes têm a validade de 24 horas e custam 10 euros para adulto e 5 euros para crianças. Ao longo do dia há circuitos que partem da Av. Central entre as 9h45 e as 17h30. A duração do circuito é de aproximadamente 70 minutos. ELÉTRICO PERCORRE LINHA HISTÓRICA EM LISBOA Lisboa tem desde o início de julho um novo circuito em elétrico histórico. O Castle Tramcar Tour vai dar a conhecer os bairros típicos da cidade a bordo do elétrico, também ele um meio de transporte histórico e tipicamente lisboeta. O novo circuito funciona diariamente, com uma duração aproximada de 40 minutos. A viagem reúne alguns dos locais mais emblemáticos da cidade desde a Sé de Lisboa, Largo de Santa Luzia, Largo das Portas do Sol, Castelo de São Jorge, Mosteiro de São Vicente de Fora e Largo da Graça. Com passagem por alguns dos mais belos miradouros da cidade, as vistas são deslumbrantes e permitem desfrutar da luz única da cidade e da sua singularidade arquitetónica. A bordo do elétrico, um sistema de áudio-guia dará a conhecer em três idiomas (português, francês e inglês) a história, as curiosidades e os pormenores que fazem de Lisboa uma das cidades mais especiais do mundo. O bilhete de adulto custa 9 euros e as crianças entre os 4 e os 10 anos beneficiam de um desconto de 50%. Ao gerir os espaços da rede do METROPOLITANO DE LISBOA, a METROCOM confere mais vida, cor e dinamismo a toda a rede, que se torna num dos maiores centros comerciais de Lisboa e garante receitas adicionais para o grupo. Lojas, quiosques e escritórios são alguns dos espaços comerciais geridos pela METROCOM, sociedade comercial criada em 1993 no seio do Grupo METROPOLITANO DE LISBOA para promover e comercializar estes espaços da rede do METRO e organizar novas formas de comercialização de produtos nas estações, nomeadamente em feiras, pequenas ações promocionais ou até máquinas ali instaladas. Atualmente, a empresa opera em 48 estações, onde explora 199 lojas e quiosques, com uma taxa de ocupação da ordem dos 81%. Por toda a rede existem ainda máquinas de vending e de fotografia, ATM s (caixas multibanco), carrinhos e pequenas bancas, num total de 181 unidades. Da exploração comercial dos espaços espera-se dar uma resposta positiva aos utentes do metropolitano através de uma oferta variada e ajustada aos vários segmentos e capaz de permitir um sistema de compras rápidas e por impulso, do vestuário e calçado aos produtos alimentares e cafetarias, dos têxteis-lar à bijutaria, perfumaria, cultura, lazer, artesanato, parafarmácia, telemóveis, entre tantas outras. Na gestão dos vários conceitos instalados procura-se uma elevada proximidade com o cliente e com o utente deste meio de transporte urbano, indo ao encontro dos seus interesses enquanto se dirigem para a próxima viagem ou mudança de linha. À beira dos seus 21 anos, a METROCOM procura conjugar a rentabilização dos espaços com a prestação de um serviço ao cliente do metropolitano. Ao mesmo tempo, dando vida às estações, está a contribuir para uma maior segurança na rede, atração do serviço e melhoria da imagem do METROPOLITANO DE LISBOA. CONDUTORES RECONHECIDOS A primeira sessão de distinção DESEMPENHO + CARRISTUR, relativo ao desempenho do 1.º quadrimestre de 2014, foi realizada a 17 de julho para promover e reconhecer o desempenho dos condutores Carristur que, no exercício das suas funções, revelam padrões comportamentais e operacionais de excelência. Os condutores distinguidos tiveram de obter uma cotação igual ou superior a 86 pontos na sua avaliação e cumprir com nota máxima (10 pontos) os requisitos da assiduidade, pontualidade e sinistros. Condutores distinguidos no 1.º quadrimestre de 2014 N.º Ordem Nome Paulo Dias Francisco Rocha Luís Cardoso Luís Silvestre Tiberiu Bugaciu Miguel Paula Ricardo Gameiro Pontuação DOURO DE AUTOCARRO E BARCO RABELO O Douro Valley & Wine Tour é o novo circuito operado pela Yellow Bus, marca de turismo da Carristur. O novo tour tem como ponto de partida a cidade do Porto e dirige-se a Amarante, onde dá a conhecer o centro histórico desta cidade. Segue então para a região do Douro, passando por Provesende, uma pitoresca aldeia histórica com uma deslumbrante paisagem. O destino do circuito está em Pinhão, onde há tempo para passear e para almoçar, seguindo-se um cruzeiro de uma hora em barco rabelo (30 minutos a subir e 30 minutos a descer o Rio Douro). As quintas vinhateiras e os socalcos são um dos pontos fortes e mais apreciados ao longo deste percurso. Depois do regresso ao Pinhão, o tour segue até à Quinta do Seixo, onde é efetuada a visita guiada à adega, à garrafeira e aos lagares robóticos, sem esquecer a prova de vinhos. O percurso termina com o regresso ao Porto. Guiado em português, espanhol e inglês, o Douro Valley & Wine Tour está em funcionamento até final de setembro à quarta-feira e sábado, voltando a realizar-se nos meses de outubro e novembro apenas aos sábados, tal como acontece entre os meses de março e maio. 6 jul/ago/set 2014 jul/ago/set

5 É NOTÍCIA É NOTÍCIA Prevenção é proteção no METRO e na CARRIS A CARRIS, o METROPOLITANO DE LISBOA e a Divisão de Segurança a Transportes Públicos(DSTP) celebraram uma parceria que visa o desenvolvimento de uma campanha de comunicação dirigida aos clientes habituais e ocasionais das duas transportadoras. Para estes foi criado um desdobrável informativo com Conselhos de Segurança no Transporte Público, onde se procura alertar para os comportamentos de risco na utilização dos transportes e se promove a prevenção e de combate ao crime através de comportamentos corretos a bordo dos transportes. A prevenção é a melhor proteção! é o claim desta campanha, que foi difundida nos folhetos distribuídos a bordo dos veículos, em cartazes nas carruagens e ainda nos meios online das duas transportadoras, além de outras ações de proximidade desenvolvidas pela DSTP nas estações do METRO. Elevador de Santa Justa comemorou 112.º aniversário Considerado hoje um dos ex-libris da baixa lisboeta, o Elevador de Santa Justa foi reconhecido como Monumento Nacional em 2002, tal como sucedeu com os Ascensores do Lavra, da Glória e da Bica. Uma atuação da Orquestra Ligeira da CARRIS no Miradouro de Santa Justa e a oferta de bilhetes de acesso ao elevador foram algumas das iniciativas que marcaram, a 10 de julho, o 112.º aniversário do Elevador de Santa Justa. CARRIS e METRO com ação de fiscalização concertada Subida à Glória Vai realizar-se no próximo dia 11 de outubro, a partir das 18h00, mais uma edição da prova ciclista Subida à Glória que decorrerá na íngreme calçada percorrida pelo Ascensor da Glória, com uma extensão de 265 metros e declive médio de 17,7%. A Subida à Glória é uma prova que tem vindo a realizar-se de forma intermitente mas que em 2013, em que se comemorou o seu centenário, teve o aliciante adicional de ter sido batido o record que datava já de 1926 com o tempo de 39,76 segundos. Será que este ano teremos novo record? A CARRIS e o METROPOLITANO DE LISBOA juntaram-se para promover uma ação concertada de fiscalização na zona de Olivais / Moscavide. A iniciativa decorreu na semana de 14 a 18 de julho e incidiu sobre as 13 carreiras da CARRIS que circulam nesta zona da cidade e nas estações de METRO da linha Vermelha: Olivais, Cabo Ruivo, Oriente, Moscavide e Encarnação, tendo contado com o apoio ativo da Polícia de Segurança Pública. Esta ação de fiscalização assumiu-se como um reforço ao trabalho que é desenvolvido diariamente por ambas as empresas para combate à fraude, com a particularidade de ter sido previamente objeto de ampla divulgação, acentuando o seu caráter essencialmente preventivo, seguindo exemplos de outras entidades fiscalizadoras. Foi assinalado a 10 de julho o 112.º aniversário da inauguração do Elevador do Carmo, conhecido como Elevador de Santa Justa. Foi ainda durante o ano 1900 que tiveram início os trabalhos de remoção de terras nas escadinhas de Santa Justa, para que no ano seguinte, a 31 de agosto, se conseguisse estabelecer, por sistema de alavanca, um passadiço sobre a Rua do Carmo, que assegurava a ligação entre o topo do elevador e o Largo do Carmo. Nesse mesmo dia, a CARRIS inaugurava o serviço de carros elétricos e a cidade de Lisboa ganhou um novo conceito de mobilidade. A inauguração do elevador acabaria por acontecer a 10 de julho de Projetado por Raul Mesnier de Ponsard, o Elevador de Santa Justa utilizava inicialmente o vapor como força de tração. Só em 1907 se procedeu à eletrificação do sistema. Tração elétrica funciona há 113 anos A CARRIS comemorou, a 31 de agosto, o 113.º aniversário do serviço de tração elétrica. Foi neste dia do ano de 1901 que os lisboetas puderam utilizar, pela primeira vez, aquele novo e revolucionário meio de transporte. Os elétricos dão cor à cidade, a campainha e o chiar dá-lhe o som. O elétrico entrou na vida de Lisboa, atravessa a cidade, a sua geografia e história. Viveu os últimos dias da monarquia, assistiu ao regicídio, à implantação da República e aos seus tempos agitados. Até hoje, mantém-se como símbolo da capital. Para assinalar o 113.º aniversário da inauguração do elétrico em Lisboa, o Museu da CARRIS disponibilizou ofertas aos seus visitantes. Entre os dias 1 e 5 de setembro, na compra de um 2.ª FASE DAS OBRAS JÁ COMEÇOU Já teve início a segunda fase dos trabalhos de conservação do Elevador de Santa Justa, na sequência da inspeção realizada pelo ISQ em Esta fase deverá prolongar-se durante seis meses, seguindo-se, mais tarde, uma terceira fase. É precisamente esta solução faseada que permite manter o elevador em funcionamento durante a realização dos trabalhos que irão manter os padrões de segurança necessários e assegurar um aspeto exterior renovado ao elevador. A operação de conservação integra a decapagem das superfícies com corrosão, desmontagem das peças ornamentais deterioradas, com a recuperação e/ou substituição das mesmas, reparação dos elementos metálicos da estrutura e a reparação de zonas de betão fissuradas, além da pintura final. bilhete (entrada normal), os visitantes do Museu da CARRIS receberam outro ingresso de valor igual ou inferior. Ao 1.º visitante de cada um dos dias referidos foi oferecida uma miniatura de um elétrico que circulou no passado nas ruas de Lisboa. 8 jul/ago/set 2014 jul/ago/set

6 É NOTÍCIA É NOTÍCIA Cartão Lisboa VIVA dá desconto no Museu de S. Roque Estacione e vá ao Museu Joana Seixas no Museu da CARRIS A OTLIS celebrou uma nova parceria com o Museu de São Roque, que prevê a atribuição de descontos a partir de 10% nos bilhetes de acesso ao museu aos portadores do cartão Lisboa VIVA. Os descontos são ainda extensíveis às atividades lúdico-pedagógicas do Museu. O Museu de São Roque é propriedade da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCML) e tem como missão contribuir para a salvaguarda, estudo e valorização do património histórico e artístico daquela instituição, bem como a sua divulgação enquanto espaço dinâmico onde se promove a interação e o envolvimento da comunidade com o património cultural da SCML. Sabia que agora é ainda mais fácil visitar o Museu da CARRIS? Foi criado um espaço reservado para estacionamento gratuito mesmo junto à entrada do Museu, disponível para os visitantes, até ao limite da lotação. O Museu da CARRIS foi palco de uma sessão fotográfica com a atriz Joana Seixas, no âmbito do projeto LisbonNine. A iniciativa integra a divulgação da cidade de Lisboa sob uma esfera mítica, com a criação de nove produções fotográficas em nove espaços culturais/artísticos. A atriz Joana Seixas é a embaixadora do projeto e faz a ponte entre os espaços. As sessões fotográficas têm como base as nove musas da mitologia grega e seus atributos (como a música, a dança, a comédia, a astronomia, a poesia, entre outros). Das sessões fotográficas resultarão nove pósteres de divulgação dos espaços e da cidade de Lisboa. Passeios com Arte e Ciência ROTEIRO Museu da Água/ Terreiro do Paço (arquitetura) Vencedores da Maratona Fotográfica em exposição O METROPOLITANO DE LISBOA realizou uma parceria com os museus que integram o projeto Passeios com Arte e Ciência das Amoreiras ao Chiado, que prevê a realização de uma exposição fotográfica e a dinamização de visitas guiadas nas suas estações. Ajudar a atrair novos públicos, dar visibilidade às coleções e participar, enriquecer e animar os roteiros culturais de Lisboa são os principais objetivos desta iniciativa. Com início na estação Entre Campos, em julho, a exposição estará em itinerância pelas estações Aeroporto, Alameda, Marquês de Pombal, Cais do Sodré, Baixa-Chiado e Rato até janeiro de A partir deste mês de setembro são dinamizadas as visitas guiadas às estações de METRO, denominadas de Oito Museus/Oito Estações. Realizadas por técnicos de cada museu, as visitas têm início numa estação do METRO e terminam num Museu. O Museu da Água, a Fundação Arpad Szenes Vieira da Silva, o Museu Arqueológico do Carmo, o Museu da Farmácia, o Museu Geológico, o Museu de História Natural e Ciência, o Museu do Chiado e o Museu de São Roque são os oito museus que integram esta iniciativa. Com a aquisição de um primeiro bilhete de tarifa normal num dos museus aderentes, os visitantes têm direito a 20% de desconto em todos os restantes, válido por um período de três dias. Museu Arpad Szenes Vieira da Silva/Rato (acervo de Arpad Szenes) Museu Arqueológico do Carmo/Martim Moniz (imaginário medieval e a história de Lisboa com os seus heróis: Martim Moniz e D. Nuno Ávares Pereira) Museu da Farmácia/Marquês de Pombal (movimento iluminista e o desenvolvimento da ciência farmacêutica nesse âmbito) Museu Geológico/Entre Campos (coincidência dos temas na decoração da estação e acervo do Museu) Museu de História Natural e Ciência/Jardim Zoológico (tema jardim Zoológico/Botânico) Museu do Chiado/Restauradores (acervo de Nadir Afonso) Museu de São Roque/Parque (relação com o Oriente através de São Francisco Xavier) A galeria do Museu da CARRIS acolheu a 30 de julho a sessão oficial de apresentação dos vencedores da 2.ª Maratona Fotográfica CARRIS/METRO, que contou com a presença de cerca de meia centena de participantes. Foi a 17 de maio que a CARRIS recebeu as fotografias participantes no concurso, que este ano respondeu ao mote Mostra o lado mais cool da CARRIS e METRO. O Sr. Dr. Luís Barroso, administrador da CARRIS e do METROPOLIANO DE LISBOA, entregou aos vencedores os respetivos prémios e menções honrosas. A sessão marcou também o início da exposição que vai dar a conhecer aos visitantes do museu os trabalhos premiados. Depois de exposta no Museu da CARRIS durante todo o mês de agosto, a exposição terá como destino a estação Cais do Sodré do METROPOLITANO DE LISBOA, podendo ser visitada durante o mês de setembro. Viaje Sobre Carris Visitar a exposição Sobre Carris, na Antiga Carpintaria do Museu da CARRIS, é dar início a uma viagem no tempo, quando sobre carris se transportavam pessoas, bens, ideias, usos e costumes. Carris, travessas e quadriciclos conjugam-se nesta exposição para mostrar o quotidiano de outros tempos. Subjacente a todas as histórias, um olhar diferente para a mobilidade na cidade de outrora. A exposição está patente até 19 de dezembro. 10 jul/ago/set 2014 jul/ago/set

7 TEMA DE CAPA 142 ANOS DA CARRIS E se um dia for verdade? O relógio marca 2h20. Um comboio sai da estação Amadora Este com alguns passageiros eufóricos, em ambiente de ruidosa comemoração. Após o arranque do comboio, a cerca de 200 metros da estação, é ativado um facho pirotécnico no interior da carruagem onde seguem os adeptos, gerando uma grande quantidade de fumo. Em pânico, alguns passageiros acionam a abertura de emergência de uma das portas do comboio. ESFORÇO CONJUNTO Para realizar este exercício, o Núcleo de Armas e Explosivos da PSP forneceu e manuseou todos os engenhos e artefactos pirotécnicos que permitiram incutir um maior realismo ao exercício. 142 anos a percorrer Lisboa O cenário faz parte do simulacro que o METROPOLITANO DE LISBOA promoveu a 5 de julho, testando os procedimentos de emergência da rede. A empresa realiza simulacros como este duas vezes por ano, no âmbito das disposições legais. Neste caso, após o alerta emitido pelo maquinista, os serviços do METROPOLITANO DE LISBOA acionam e executam os procedimentos estabelecidos em função da emergência, procedendo à evacuação do comboio. Simultaneamente são alertados os meios externos de socorro, que acorrem prontamente ao local, assumindo o comando das operações. O simulacro de 5 de julho testou a resolução de incidente grave na galeria, o procedimento de desenfumagem na rede do METROPOLITANO DE LISBOA (para permitir a evacuação em segurança dos clientes e trabalhadores), a acessibilidade e atuação dos meios de socorro e o restabelecimento das condições normais de exploração. O exercício testou igualmente a articulação do METROPOLITANO DE LISBOA com os meios de socorro e entidades externas, nomeadamente os bombeiros, a proteção civil e a PSP. Assim, foi possível constatar a elevada capacidade de desenfumagem dos ventiladores existentes, a evacuação dos passageiros pela via e a pronta intervenção dos Bombeiros Voluntários da Amadora, que de imediato socorreram e transportaram os feridos, utilizando com sucesso a plataforma motorizada de socorro desenvolvida pelo METROPOLITANO DE LISBOA. Já a equipas da PSP contiveram e detiveram eficazmente os elementos perturbadores e causadores da ocorrência. O relógio marcava 3h40 quando o exercício foi dado como concluído. Todas as entidades envolvidas fizeram um balanço positivo da iniciativa, identificando os pontos fortes e as oportunidades de melhoria nos procedimentos desenvolvidos. À realização deste exercício assistiram, entre outros, o CMDT Operacional Distrital de Lisboa da ANPC, o vereador com o pelouro da proteção civil da Câmara Municipal de Lisboa, o diretor do departamento da proteção civil, o chefe da divisão de operações do Serviço Municipal de Proteção Civil de Lisboa e elementos do Serviço Municipal de Proteção Civil de Odivelas. Pedro Bogas, administrador do METROPOLITANO DE LISBOA, e Filipa Melo, secretária geral da empresa, também estiveram no local. No âmbito da avaliação e controlo do exercício foi possível contar com a presença de observadores convidados, internos e externos, da EO, da CARRIS, Ferconsult e SMPC- Amadora. O exercício foi objeto de um cuidado planeamento, com o objectivo de o tornar mais abrangente quer nos meios quer nas entidades envolvidas. Típicos passageiros 30 figurantes, divididos em grupos, deram corpo às diferentes características dos passageiros normalmente em circulação na rede do METROPOLITANO DE LISBOA, juntando-se ao grupo que interpretou um conjunto de afoitos e fervorosos adeptos em festejo. A CARRIS é uma empresa profundamente ligada a Lisboa, tendo frequentemente contribuído para o desenvolvimento e modernização da cidade, cujas necessidades de mobilidade foram, também, fator de estímulo para que a empresa soubesse encontrar novas soluções. Por isso, a história de Lisboa e da CARRIS entrelaçam-se em tantos momentos, desde o último quartel do século XIX. O aparecimento dos americanos nas ruas de Lisboa nos finais de 1873, constituiu a primeira tentativa bem-sucedida de criar uma empresa de transportes públicos coletivos com continuidade, planeada e estruturada, e marca o início de uma série de transformações que a longo prazo irão alterar profunda e irreversivelmente a geografia física e humana da capital portuguesa. Pese embora a boa aceitação dos carros americanos por parte do público, pelas vantagens que estes ofereciam sobre os das empresas congéneres, desde muito cedo que a CARRIS se lançou na procura de novas formas de tração, cada vez mais modernas e capazes de oferecer melhores serviços. Claro que houve alguma resistência inicial a esta novidade, com constantes e hostis notícias nos jornais. Mas a verdade é que o confronto entre os meios de locomoção disponíveis não deixava lugar a dúvidas e que os habitantes dos lugares ainda não sujeitos aos supostos perigos e inconvenientes da tração elétrica a reclamavam empenhadamente e a consideravam um benefício inestimável. 12 jul/ago/set 2014 jul/ago/set

8 142 ANOS DA CARRIS 142 ANOS DA CARRIS DEPOIS O carro oferece comodidade bastante e descreveu as curvas dos trabalhos de assentamento da via. O modelo desse carro é elegante e, até mesmo, luxuoso, bem iluminado a luz eléctrica, com um grande farol em cada topo, perto do chão ( ) Todos os carros têm também um forte timbre de alarme. ( ) São realmente belíssimos os novos carros vindos da América: mesmo mais belos e elegantes, cómodos, luxuosos como não os conhecemos nem nas primeiras cidades da Europa. ( ) Os carros que vieram agora são tudo o que há de mais moderno e brilhante, previstos de novos melhoramentos e dando uma rodagem suavíssima, com pequeníssimo ruído e quase sem se perceber a junta dos carris. Gazeta dos Caminhos de Ferro, 1901 Hoje, passado o período acerbo das críticas que então se levantaram, temos que reconhecer que Lisboa deve muito da sua expansão e progresso ao seu serviço de eléctricos, considerado durante décadas como o mais perfeito da Europa. Terrenos e edificações que ninguém até aí sabia que existiam, valorizam-se de repente; surgiram bairros e logradouros onde fora terra baldia e a cidade nunca mais parou, depois do dia 31 de Agosto de 1901, na conquista de novos e mais largos horizontes. Silva Bastos A mudança traz sempre receios, muitas vezes infundados, e a CARRIS soube adaptar-se aos novos tempos, como podemos constatar através de alguns excertos de publicações da época: ANTES Começará no dia 1 do próximo mês de Setembro a funcionar a tracção eléctrica do Cais do Sodré a Algés. ( ) Quer dizer: no dia 1 de Setembro os hospitais a não ter camas disponíveis e os cemitérios a alargarem. O Imparcial, 25 de agosto de 1901 Temos apreensões de toda a ordem sobre a saúde dos pardais que pousem no fio condutor. O Imparcial, 25 de agosto de 1901 Deixem cair uma trovoada sobre Lisboa e verão o bom e o bonito, com esta marmelada dos fios passarem junto de todas as janelas. É uma distribuição de raios aos domicílios, que dispensávamos perfeitamente. Diário da Câmara dos Dignos Pares do Reino, sessão de 16 de abril de 1901 A rede de autocarros, iniciada em 1944, reforçando alguns trajetos já servidos pelos elétricos, veio complementar o serviço para locais onde estes não chegavam. Utilizando inicialmente viaturas de um piso, a frota de autocarros foi depois reforçada com veículos de dois pisos e regularmente modernizada e adaptada aos novos desafios. Ao fim de 142 anos de atividade e mercê de um enorme esforço de atualização dos seus equipamentos e de constante adaptação às necessidades e exigências de circulação, continua a CARRIS, hoje como ontem, fiel ao cumprimento do seu principal objetivo: aproximar com segurança e rapidez os habitantes de uma cidade em constante mutação e crescimento. RECONHECIMENTO DO MÉRITO No dia 18 de setembro a CARRIS comemora mais um aniversário, o 142.º ao serviço da cidade de Lisboa e de todos os que a visitam. As comemorações terão lugar nas renovadas instalações do Museu da CARRIS, na Estação de Santo Amaro, onde os visitantes poderão conhecer em pormenor a história da empresa e o seu contributo para o desenvolvimento da cidade. O programa inicia-se, como vem sendo hábito, com a entrega de emblemas de Boa Condução e Antiguidade, seguindo-se a entrega dos Prémios Inovação CARRIS Neste dia é inaugurada a exposição Sobre Carris, fruto de uma parceria entre o Museu da CARRIS e o Museu Nacional Ferroviário, que estará patente na Antiga Carpintaria do Museu da CARRIS até 19 de dezembro. 14 jul/ago/set 2014 jul/ago/set

9 142 ANOS DA CARRIS 142 ANOS DA CARRIS horas de condução sem acidentes MIRAFLORES Manuel Fernando de Oliveira Cardoso Paulo Fernando dos Santos Gigante MUSGUEIRA PONTINHA horas de condução sem acidentes horas de condução sem acidentes MUSGUEIRA PONTINHA horas de condução sem acidentes MIRAFLORES MUSGUEIRA PONTINHA horas de condução sem acidentes MIRAFLORES MUSGUEIRA João Francisco Viegas Bonito Carvalho Joaquim António Lustro Seco António da Silva Cardoso Carlos Manuel de Carvalho Gomes Pedro Miguel dos Santos Guerreiro António João Fernandes Ribeiro Jorge da Conceição Ferreira Pedro Miguel Pereira Castelo Rui Jorge Ferreira Resende José Carlos Pires Martins Manuel Luís Murta do Sacramento Sérgio Filipe dos Santos Castilho Vítor Manuel Aires de Abreu Jorge Manuel Guedes Francisco Rui Manuel Figueiredo dos Santos Alfredo Jorge Fernandes Loureiro António Nunes Joaquim Diamantino Araújo Gonçalves João Ildefonso Candeias Diogo Joaquim Manuel Fontes Esteves Paulo Jorge de Jesus Oliveira Paulo Jorge Vilela da Cruz António Manuel Coelho Ferro José António Onofre da Silva Luís Miguel de Sousa Santos Sandra Cristina Lopes Domingos Domingues Amílcar Vasco da Cruz Inácio Carlos Manuel Elias Belchior João António Afonso dos Santos José Manuel Jurado Domingues Carlos Alberto Simões da Costa Carreira Gonçalo Alexandre da Palma Ramalho João António Mendes Justo Jorge Joaquim Pereira da Silva José Eduardo de Sousa Matias José Manuel Ribeiro Gomes de Abreu Luís Miguel Gomes Lopes Miguel Jorge Batista Pinto Ribeiro Miguel Ângelo Vilela de Freitas Rui Miguel de Sousa Bral Ruslan Dubov Vieitas Premgi PONTINHA MIRAFLORES MUSGUEIRA PONTINHA Daniel Augusto Pires Fernandes João Luís Gonçalves dos Reis João Luís Simão da Costa João Manuel Borges Brilhante Luís Manuel de Sousa Marreiros Luís Manuel Neves Simões Nuno Ricardo Rosa Matias da Fonseca Paulo Fernando Alves da Silva Paulo Jorge Teixeira Figueiredo Rafael José Pereira de Carvalho Alexandre Rodrigues Moreira Anabela Isabel Pereira Malveiro João Augusto Escobar José Eugénio Martins Gonçalves José Manuel de Oliveira Raposo Lino Mendes dos Santos Paulo Alexandre Coelho Lopes Paulo Jorge Fernandes Resende Pedro Manuel de Sousa Lagarto Ricardo Castelo Marques André Manuel Morais Ramos Pereira António José Robalo Marques Bruno Miguel Dias da Silva Carlos Manuel de Oliveira Cardoso Carlos Manuel Henriques Rafael Dominique Gomis João Garcia Pereira José Carlos Correia Garcia da Silva José Francisco Relvas José Morais Castanheira Luís Miguel Batista da Costa Manuel António de Jesus Lino Nuno João Fernandes Mendes da Silva Rui Manuel Antunes dos Santos Sérgio Miguel Silva Almeida Vítor Manuel do Rego Simões Vítor Manuel Tavares Cardoso Gonçalo Filipe Antunes Vicente Hélder Bruno Barata Baeta Hugo Ricardo Ferreira Martins João Augusto Lopes Braz João Carlos do Nascimento Alves José Carlos Borges Pereira José Carlos Cardadeiro Martins José Ricardo de Oliveira Cardoso Luís Miguel Mota de Almeida Miguel Ricardo de Melo Sousa Figueiró Pedro Manuel de Jesus Honório Pedro Rafael Simões Pereira Rui Leonel de Almeida Figueira Vítor Manuel de Sousa Cabral Prata horas de condução sem acidentes MIRAFLORES MUSGUEIRA PONTINHA Motoristas Abílio Tavares Sousa António Ferro Pousinho António José Ribeiro Fernandes António Sérgio Simão Monteiro Bruno Miguel André da Costa Afonso David Miguel Fernandes Pires Borges Duro Jorge Manuel Fermino Messias Jorge Paulo Mendes da Silva Manuel de Jesus Gonçalves Manuel João Cardoso Correia Mauro Alexandre Cunha Floxo Pedro Miguel Silva Rodrigues Justino Rafael Cardoso de Aguiar Rui Manuel Robalo Pires Tiago Miguel dos Santos Escaleira Albertina Branquinho Penão António Arménio Paiva Gonçalves Bruno Miguel da Silva Martins Carlos Manuel Gonçalves Rodrigues David José Ferreira Mendes Garcia Delfim Manuel Meireles Albino Fábio Miguel Guerreiro do Carmo Fernando Guimarães do Amaral Joaquim António Mendes Sanches José Manuel Dantas Saraiva José Manuel Ferreira do Carmo Leonel Coelho Neves Francisco Luís Filipe Figueiredo dos Santos Manuel Ribeiro Alves Geraldes Maria da Guia Gomes dos Santos Nuno Fernando Rechena Júnior Paulo Jorge do Nascimento Belchior Paulo Jorge Janota Serpa Paulo Sérgio da Costa Borges Pedro Miguel Nunes Cardoso Rafael Cardoso de Aguiar Sérgio Miguel Gomes Crescêncio Abel Jorge Mendes Ferraz Alexandre Paulo Domingos António Jacinto Dias Artur Jorge Martins Vilhais Carlos Eduardo Mendonça de Figueiredo Francisco Mário Teixeira Monteiro da Silva Godofredo Adriano Cardoso Moreno da Silva Hélio Luís Ribeiro Matos João Paulo Costa Sobral Joaquim Amoroso Mendes Joaquim Pereira Pires Valente Chaves Jorge Alberto Martinho Estevam José Luís André Alves José Luís Nunes Caetano José Luís Pereira Batista Lobato José Maria de Assunção Luís Alberto Mateus Gomes Manuel Almeida Dias PONTINHA Cobre Motoristas horas de condução sem acidentes MIRAFLORES MUSGUEIRA PONTINHA Maria Helena Ribeiro Pereira Carrinho Nuno Miguel Araújo Henriques Nuno Miguel Martins Teles Paulo Jorge da Silva Peixoto Paulo Jorge Gonçalves Cardoso Paulo Manuel Ferreira Martins Pedro Miguel da Encarnação Casaca de Carvalho Plínio Jorge Lopes dos Santos Rafael Paulo Cardoso Pedro Roque Raúl Filipe da Cruz Pessoa Renato Miguel Morgado Moreiras Susana Isabel Ramos Correia Yuriy Kodryan Yuriy Suponyey Filipe André Trancoso e Silva Pedro Manuel Rocha Ferreira Ricardo Miguel Ferra Matias Alfredo Manuel Gonçalves Amor da Silva David Filipe Torres Gonçalves Dmytro Ryzhenko Evanilson Alves Batista Filipe Alves Claro Ferreira Marco Filipe Martins David Nelson Alexandre Rodrigues Paiva Paulo Alexandre Pedroso Teixeira Paulo Nuno Silva Ferreira Pedro Jorge Garcia Monteiro Catalão Rafael Dias Lourenço Vítor Manuel Fernandes Pires Alessandra Barreira Rodrigues Bruno Miguel dos Santos Pires de Sousa Daniel José Oliveira Godinho Dmytro Lyubomirov Luís Miguel Antunes de Figueiredo Nelson Marino Rodrigues Pereira Nuno Miguel de Almeida Rodrigues Nuno Miguel Morgado Alves Sérgio José das Neves Pereira 16 jul/ago/set 2014 jul/ago/set

10 142 ANOS DA CARRIS 18 jul/ago/set ANOS DA CARRIS jul/ago/set

11 142 ANOS DA CARRIS 20 jul/ago/set ANOS DA CARRIS jul/ago/set

12 142 ANOS DA CARRIS 142 ANOS DA CARRIS Cobre 20 anos de antiguidade Prata Abel Costa Machado, Motorista Serviço Público Adérito Varela Reis, Controlador de Tráfego Almiro Barreira Silva, TTC - Motorista Serviço Público Anabela Isabel Pereira Malveiro, TTC - Motorista Serviço Público Ana Maria Ferreira Nunes Santos, Controlador de Tráfego Ana Romão Carrilho Branquinho Penão, Guarda-Freio António Ferro Pousinho, Motorista Serviço Público António Manuel Ferreira Gomes, Motorista Serviço Público António Manuel Nunes, TTC - Motorista Serviço Público Armando Gonçalves Costa, TTC - Motorista Serviço Público Artur Jorge Oliveira Laranjo, Motorista Serviço Público Bento José Veiga Soeiro, Motorista Serviço Público Carlos Humberto Aissatu Silva Marques, Controlador de Tráfego Carlos Silva Figueiredo, Motorista Serviço Público Custódio Rui Malheiro Pires, Motorista Serviço Público David Manuel Pereira Martins, Motorista Serviço Público Hugo Alberto Airoso Azinheira Martins Freire, Mot. Serv. Público João Carlos Rosa Marques Pastor, Motorista Serviço Público Joaquim Silva, Motorista Serviço Público José António Reis, TTC - Motorista Serviço Público 10 anos de antiguidade José Carlos Dias Lopes Vaz, Controlador de Tráfego José Joaquim Rebelo Damião, Motorista Serviço Público José Maria Almeida Coelho, TTC - Motorista Serviço Público José Orlando Prazeres Lopes, Motorista Serviço Público Lúcia Maria Lopes Ferreira Matos, Chefe de Divisão Luís Filipe Figueira Lobo, Motorista Serviço Público Luís António Margarida Rua, Motorista Serviço Público Maria Alexandra Nunes Pombo Marcelino, Técnico Licenciado Maria Celeste Martins Monteiro Grencho, TTC - Guarda-Freio Maria Lurdes Leote Pecurto Morais Alves, Técnico Administrativo Miguel João Clareu Gonçalves, Inspetor Paulo Alexandre Lopes Ferreira, Controlador de Tráfego Paulo Dionísio Silva Freire, Técnico Administrativo Paulo Jorge Nunes Silva, Técnico de Sistemas Paulo Luís Carvalho Paula, Coordenador de Tráfego Paulo Manuel Alegria Teixeira, Controlador de Tráfego Rosa Iolanda Jesus Monteiro Garcia, Inspetor Rui Manuel Costa Vaz, Motorista Serviço Público Rui Manuel Figueiredo Santos, TTC - Motorista Serviço Público Vítor Manuel Rodrigues Taia, TTC - Motorista Serviço Público 25 anos de antiguidade Américo Antunes Santos, TTC - Motorista Serviço Público Américo Manuel Montez Vieira, TTC - Motorista Serviço Público António Eduardo Santos Simões, Motorista Serviço Público António Eduardo Teixeira Soares, Motorista Serviço Público António Jose Robalo Marques, Motorista Serviço Público Armando Benjamim Cardoso Cristóvão, TTC - Mot. Serv. Público Artur Jorge Jesus Alves, Eletricista Auto Carlos Alberto Silva Luís, Motorista Serviço Público Carlos Manuel Oliveira Guerreiro, TTC - Mot. Serviço Público Casimiro Manuel Correia Antunes, TTC - Motorista Serviço Público Fernando Santos Nunes, TTC - Motorista Serviço Público João Carlos Conceição Duarte Assunção, Controlador de Tráfego João Ildefonso Candeias Diogo, TTC - Motorista Serviço Público João Teixeira Jesus Bragança, TTC - Motorista Serviço Público Joaquim Manuel Oliveira Franco, Controlador de Tráfego Jorge Alberto Martinho Estevam, TTC - Motorista Serviço Público José Alberto Neves Patrício, Inspetor José Manuel Andrade Custódio, Motorista Serviço Público Luís Fernando Mendonça Gama Ochoa, Motorista Serviço Público Manuel Filipe Gil Pereira, Chefe de Seção Miguel Lopes Vitorino, TTC - Motorista Serviço Público Olímpio Vitorino Godinho Saragoça, Controlador de Tráfego Paulo Afonso Quevedo Lourenço Santos, Inspetor Rui Miguel Pimentel Costa Ribeiro, Eletricista Auto Vítor António Martins Areias, Mestre Vítor Manuel Santos Fernandes, Coordenador Técnico Vítor Manuel Bernardes Monteiro, TTC - Motorista Serviço Público Aduilson Soares Santos, Guarda-Freio Alexandre Pala Teixeira, Motorista Serviço Público Alexandre Rodrigues Moreira, Motorista Serviço Público António Luís Andrade Almeida, Guarda-Freio António Manuel Trindade Silva, Motorista Serviço Público Bruno Alexandre Morgado Monteiro, Motorista Serviço Público Bruno Miguel Fernandes Nogueira, Guarda-Freio Bruno Miguel Queirós Costa, Guarda-Freio Carla Alexandra Henriques Adriano, Guarda-Freio Carla Isabel Abreu Marques, Motorista Serviço Público Carlos Alberto Catarino André, Motorista Serviço Público Carlos Alberto Cunha Paulo, Motorista Serviço Público Carlos Alexandre Fernandes Catarino, Motorista Serviço Público Carlos Miguel Duarte Ribeiro, Motorista Serviço Público Eduardo Juan Ramos Alonso, Guarda-Freio Ezequiel Fernando Dias Mateus, Motorista Serviço Público Gonçalo Abelho Parracho Marcelino, Motorista Serviço Público Hugo Jorge Gonçalves Sousa, Motorista Serviço Público Ildefonso Mario Santos Miranda, Motorista Serviço Público João Miguel Santos Salta, Guarda-Freio Joelmo Paz Freitas, Motorista Serviço Público José Luís Monteiro Jesus, Controlador de Tráfego Luís Miguel Teodoro Santos, Motorista Serviço Público Manuel Júnior Manico, Guarda-Freio Manuel Pedro Abreu Amaro, Guarda-Freio Manuel Vítor Pereira, Motorista Serviço Público Marco Paulo Linhares Máximo, Técnico Administrativo Marina Alexandra Viana Feio Hortelão, Controlador de Tráfego Miguel Teixeira, Guarda-Freio Nuno Alexandre Ferreira Godinho, Motorista Serviço Público Nuno Gonçalo Figueiredo Monteiro, Motorista Serviço Público Nuno Miguel Ricardo Fonseca, Motorista Serviço Público Paulo Alexandre Silva Filipe Cruz, Técnico Administrativo Paulo Alexandre Simões Ferreira, Motorista Serviço Público Paulo Alexandre Vieira Lopes Maximiano, Mot. Serviço Público Paulo Jorge Santos Filipe, Motorista Serviço Público Paulo Miguel Costa Pinto Duarte, Motorista Serviço Público Pedro Miguel Araújo Carvalho Santos Francisco, Mot. Serv. Público Petru Gogota, Motorista Serviço Público Rogério Paulo Martins Costa, Guarda-Freio Rui António Furtado Ribeiro, Motorista Serviço Público Rui Jorge Serra Duarte, Guarda-Freio Rui Miguel Malheiro Cambão, Motorista Serviço Público Rui Miguel Santos Coelho, Motorista Serviço Público Rui Pedro Vieira Lopes, Controlador de Tráfego Sérgio Paulo Mateus Cipriano, Guarda-Freio Tiago Jorge Pratas Fundeiro, Guarda-Freio Vítor Manuel Simoes Francisco, Controlador de Tráfego 22 jul/ago/set 2014 jul/ago/set

13 142 ANOS DA CARRIS INSTITUCIONAL Prémios Inovação 2014 Em 2014 foram mais uma vez atribuídos os Prémios Inovação CARRIS, que visam incentivar e premiar os colaboradores da CARRIS e das empresas participadas que apresentem trabalhos e ideias com componente sociocultural/ técnico-comercial/ operacional relevante, de caratér inovador, que tenham contribuído ou possam contribuir, para a consolidação da imagem da empresa, melhoria da qualidade do serviço, redução de custos e/ou aumento dos proveitos da empresa ou para a eficiência dos processos organizacionais. 1. PROJETO INOVAÇÃO CARRIS 2014 O júri, nomeado para o efeito, analisou o mérito dos trabalhos apresentados face ao objetivo do prémio, tendo decidido não atribuir o 1.º lugar, atribuindo, assim, o 2.º lugar e o 3.º lugar que foram objeto de homologação por parte do Conselho de Administração. 2.º lugar Gestão de Troca de Folgas dos Tripulantes O projeto destina-se a potenciar a disponibilidade de correio eletrónico ao nível dos tripulantes para automatizar a gestão das trocas de folgas. O facto de a comunicação ser mais rápida permite incrementar o diálogo entre o tripulante e a empresa, na pessoa dos seus superiores hierárquicos diretos, melhorando os canais de comunicação indispensáveis ao seu bom funcionamento. Autores: Nuno Fonseca e José Pilão, da Estação da Musgueira 3.º lugar Projeto Electri cork Pretende-se aplicar novos materiais cortiça nos elétricos antigos da CARRIS, de modo a torná-los mais seguros para a utilização de crianças, com menor ruído e melhor controlo da temperatura, o que fará destes veículos excelentes divulgadores deste material, colhendo para o efeito o patrocínio de empresas ligadas ao sector. A busca de novos materiais que sirvam simultaneamente para incrementar a visibilidade dos elétricos e para os tornar claramente diferenciadores no panorama dos transportes é um objetivo digno de registo. Autores: Lurdes Duarte e Paulo Fernandes da Direção de Logística e de Tecnologias de Informação 24 jul/ago/set IDEIA INOVAÇÃO CARRIS 2014 Decorrente da participação na aplicação Gestão de Ideias, inserida no Espaço Inovação do MyCARRIS, o Comité de Inovação analisou as ideias registadas, tendo distinguido as que a seguir se indicam, objeto de homologação por parte do Conselho de Administração: - Criação de um serviço de reboque CARRIS/PM Esta ideia consiste na criação de um serviço de reboque de veículos, em parceria com a polícia municipal, tendo em vista a remoção expedita de viaturas, mal estacionadas ou com avaria, que estejam a causar problemas de circulação dos autocarros e carros elétricos da CARRIS, com consequentes interrupções de serviço. Autor: Horácio Rafael Pousão dos Santos Guarda-freio da Estação de Santo Amaro - Ponto de Venda e Informação BUS Esta ideia consiste num ponto móvel de venda/carregamento de títulos de transporte, venda de produtos de merchandising e disponibilização de informação da rede, com um autocarro, de preferência histórico. Utilizar-se-ia em locais, alturas e situações com grande procura potencial, como sejam, centro da cidade, início do ano letivo em universidades/escolas, eventos, chegada de cruzeiros e outros PRÉMIO DE PARTICIPAÇÃO Autora: Ana Margarida Vitória Carreira Nunes Quadro-Técnico da Unidade de Controlo Operacional e Planeamento de Rede No procedimento respeitante à Gestão de Ideias está prevista a atribuição de uma distinção ao colaborador mais ativo na utilização da plataforma de Gestão de Ideias, tendo em conta o número de ideias submetidas e concretizadas. Este ano, o Comité de Inovação atribuiu o prémio de participação, pelo segundo ano consecutivo, ao colaborador Pedro Macedo das Dores. Pedro Macedo das Dores Motorista da Estação de Miraflores CARRIS e METROPOLITANO DE LISBOA recebem visitantes estrangeiros Nos últimos meses, a CARRIS e o METRO acolheram a visita de vários grupos estrangeiros interessados em conhecer os transportes de Lisboa. A 9 de maio, o METRO recebeu uma delegação dos Caminhos de Ferro de Moçambique, chefiada por um administrador e integrando vários quadros técnicos. A visita a Portugal procurou dar a conhecer o setor ferroviário nacional, num momento em que a ferrovia moçambicana se encontra em plena fase de expansão. O grupo, acompanhado por representantes da Mota-Engil e Edivisa, pôde assistir a uma apresentação do METROPOLITANO DE LISBOA, que deu o mote para uma profícua troca de impressões, seguindo-se uma visita guiada às instalações técnicas mais relevantes para a comitiva, nomeadamente o Posto de Comando Central e a área oficinal do Complexo de Carnide. A 10 de maio foi a vez da Associação de Amigos do Metro de Madrid Andén 1 visitar os transportes de Lisboa, para conhecer a sua história e características principais. O programa da manhã foi uma verdadeira viagem ao passado, com visita guiada ao Museu CARRIS, cobrindo a história e a evolução do METROPOLITANO DE LISBOA e da CARRIS. Nessa tarde, depois de visitas de cariz mais técnico (PCC e PMO III), seguiu-se uma viagem a estações emblemáticas do METRO, com destaque para a estação Parque, como exemplo da tradição portuguesa da azulejaria na decoração de espaços públicos. A visita terminou na estação Oriente com explicações sobre esta importante estação de metro no contexto da Gare Intermodal de Lisboa. A 9 de julho, a CARRIS e o METRO acolheram uma delegação dos transportes de Budapeste, nomeadamente representantes de operadores, associações de transportes, empresas consultoras e fornecedores do setor. Esta visita teve como objetivo dar a conhecer em detalhe o sistema de transportes da capital portuguesa. O programa, que incluiu o visionamento dos filmes institucionais e apresentações sobre o METROPOLITANO DE LISBOA e a CARRIS, contou com visitas técnicas ao METRO na parte da manhã, seguido de almoço no refeitório da empresa. Durante a tarde, o grupo visitou a Central de Comando de Tráfego da CARRIS, a estação de Miraflores e a estação de Santo Amaro, terminando com uma visita ao Museu CARRIS, onde a viagem no elétrico histórico entusiasmou a comitiva húngara, visto vários elementos terem experiência de condução destes veículos. A 14 de julho, o METROPOLITANO DE LISBOA acolheu quatro técnicos oriundos do Departamento de Planificação e Investimento Público do Ministério de Planificação e Desenvolvimento de Moçambique. Estes formandos encontravam-se em Lisboa no âmbito de uma formação sobre Análise de Projetos de Investimento Público pelo iprof Instituto de Formação Profissional. Compreender como é que uma empresa com capitais públicos efetua o planeamento da sua atividade financeira, a gestão dos fundos comunitários e os seus orçamentos, foram os principais objetivos desta visita. A delegação foi rececionada na sede Executiva do METRO onde decorreu a reunião, seguida de uma visita ao Posto de Comando Central e uma viagem pelas linhas Azul e Vermelha. A CARRIS e o METRO continuam, assim, de portas abertas aos profissionais e entusiastas dos transportes, proporcionando um conhecimento único sobre a história da mobilidade na capital portuguesa, tendo sido registados diversos testemunhos de apreço sobre as capacidades do METRO e da CARRIS, e a forma como foram recebidos. jul/ago/set

14 INSTITUCIONAL UM DIA NA VIDA DE... METROPOLITANO DE LISBOA lança plataforma de ideias Um dia na vida de... Ricardo Marques Em breve os colaboradores do METROPOLITANO DE LISBOA terão ao seu dispor uma plataforma de gestão de ideias que lhes permitirá apresentar ideias e projetos que poderão contribuir para, direta ou indiretamente, melhorar os níveis de eficiência da empresa. Esta fábrica de ideias tem por objetivo incentivar o espírito de empreendedorismo, criatividade e colaboração, bem como melhorar a gestão de serviços da empresa através do know-how dos seus colaboradores. A ferramenta estará disponível a todos os colaboradores do METROPOLITANO DE LISBOA através do portal da empresa. O processo de submissão das ideias passará pelo preenchimento de um formulário simples, no qual são solicitados os dados do trabalhador responsável pela candidatura e um resumo da ideia que se pretende desenvolver. O formulário permite ainda o upload de ficheiros caso a proposta contemple documentação anexa. Sempre que possível, as ideias que apresentem elevados níveis de aplicabilidade à realidade do METROPOLITANO DE LISBOA e que notoriamente contribuam para a melhoria de qualquer processo relacionado com um serviço da empresa são simbolicamente premiadas com um prémio não pecuniário, como forma de incentivo e recompensa pelo esforço e dedicação disponibilizados. Esteja atento a este projeto. Saiba mais em breve no portal do METROPOLITANO DE LISBOA. Matriz Origem-Destino Uma importante ferramenta de planeamento A CARRIS e o METROPOLITANO DE LISBOA preparam-se para implementar uma nova ferramenta de gestão resultante de mais um projeto conjunto entre os dois operadores de transporte de Lisboa: uma matriz origem destino (OD) das viagens realizadas na CARRIS e no METRO. Este projeto recolhe os dados obtidos nos validadores das duas empresas, trabalhando-os numa linguagem comum, segundo critérios anteriormente definidos, obtendo assim uma matriz das viagens realizadas. Cada viagem é identificada como sendo de um só operador (CARRIS ou METRO) ou mista, a partir da análise das etapas que lhe deram origem. Para além da visualização da informação, tendo por base as viagens ou as etapas, a flexibilidade desta ferramenta permite que estes resultados sejam analisados por períodos do dia pré-definidos e por título de transporte. As origens e destinos são baseados num mapa de micro zonas da cidade de Lisboa, que assim permite conhecer a tendência das viagens dos clientes, permitindo uma melhor definição do serviço de transporte a prestar, baseando-se, entre outros, na análise dos transbordos e das viagens mais procuradas representadas por mais de uma etapa. Sempre quis praticar voluntariado, mas não sabia por onde começar, a quem se dirigir ou para onde ir. Até que uma amiga de Ricardo Marques o incentivou a juntar-se ao grupo Mais Sorrisos, que todos os meses mobiliza algumas dezenas de pessoas, através da rede social Facebook, para uma noite de apoio aos sem-abrigo de Lisboa. Cada voluntário traz comida, bebida e guardanapos para distribuir por aqueles que aceitam a nossa ajuda. Já levámos massa com carne, feijoada, frango assado, peixe frito e recentemente acrescentámos as sobremesas às refeições que oferecemos, conta Ricardo, 36 anos. Temos tido pães-de-leite, bolos e gelatinas, anuncia, orgulhoso. É motorista na CARRIS há 14 anos e cumpre atualmente o percurso 702. Chegou a dar formação, algo que apreciou bastante, mas em 2010 regressou à função de motorista. E é entre os colegas de profissão que tem divulgado a possibilidade de ajudar os outros através deste tipo de iniciativas. Acredito que vou levar daqui mais alguns ajudantes, assume. A primeira visita aos sem-abrigo aconteceu em outubro de O circuito repete-se todos os meses e inclui passagens por Santa Apolónia, pela zona do Campo das Cebolas e termina invariavelmente na Gare do Oriente. Habitualmente imagina-se um ambiente deprimente, de grande tristeza. Mas não é nada disso. Brincamos muito uns com os outros e aquela noite é sempre muito divertida, revela. É claro que acabam por falar-nos muito sobre as suas vidas. Ouvimos muitas histórias. E o que me custa mais é vê-los a dormir na estação Oriente, conta Ricardo. Mas logo insiste que ninguém deixa que a tristeza tome conta daquela noite. E o que se traz, afinal, de noites com esta? Ricardo não hesita. Sinto-me tão bem! É muito gratificante. Vê-se que grande parte dos sem-abrigo ficam muito reconhecidos pela nossa iniciativa. Também é certo que alguns já a tomam por garantida e parece que não lhe dão tanto valor. Mas a grande maioria fica muito grata. E nós ficamos muito satisfeitos por ter conseguido ajudar. 26 jul/ago/set 2014 jul/ago/set

15 DENTRO DE PORTAS DENTRO DE PORTAS CARRIS apoia natalidade Apesar da tendência decrescente, que reflete a realidade socioeconómica do país, o índice de natalidade entre os colaboradores da CARRIS revela-se muito acima da média nacional. Em 2013, a taxa de natalidade referente a filhos de colaboradores da empresa foi de 29, quando em Portugal a média desse ano não foi além dos 7,9. Ainda assim, também na CARRIS, o índice de natalidade já foi mais alto. Em 2012 era de 31,7 e em 2011 estava ainda nos 31,3. No entanto, este fenómeno não pode ser dissociado da tendência de redução do próprio efetivo da empresa e da idade média dos colaboradores da CARRIS, que era de 44 anos a 31 de dezembro de A CARRIS tem, desde sempre, defendido políticas de conciliação, da vida profissional e familiar, e implementado processos e procedimentos que contribuam para a igualdade de oportunidades e de tratamento entre homens e mulheres na empresa. Desde 2010, com a aplicação do primeiro Plano para a Igualdade de Género, têm sido promovidas diversas iniciativas neste âmbito. Essas boas práticas têm vindo a ser reconhecidas por diversas entidades, em prémios e distinções. Entre as medidas implementadas está a atribuição de um kit composto por produtos para a primeira infância aos recém pais e mães da CARRIS. Só no ano passado, 57 bebés CARRIS foram premiados com um kit de apoio à primeira infância. A CARRIS tem também incentivado os seus colaboradores a gozarem licenças de parentalidade partilhadas, sobretudo junto dos seus colaboradores do sexo masculino. Nº de Nascimentos declarados na CARRIS A iniciativa tem vindo a ser bem acolhida, constituindo um caso de sucesso na promoção de um maior equilíbrio entre a vida pessoal e profissional dos colaboradores da empresa. Sabia que? Portugal tem a segunda taxa de natalidade mais baixa da União Europeia e é o sexto país mais envelhecido do mundo. Nº de BabyKits da CARRIS Nº de Horas de Licença Partilhada gozadas por Mulheres na CARRIS De bicicleta para o trabalho Para incentivar e promover a utilização de meios de transporte suaves, a CARRIS e o METROPOLITANO DE LISBOA voltaram este ano a apoiar a divulgação de mais uma edição da iniciativa De Bicicleta para o Trabalho - Bike to Work Day. O projeto é promovido pela Lisboa E-Nova Agência Municipal de Energia-Ambiente, com o apoio da Câmara Municipal de Lisboa e da Federação Portuguesa de Cicloturismo e Utilizadores de Bicicleta. De Bicicleta para o trabalho consiste num movimento de apelo aos trabalhadores de empresas sediadas ou com instalações do centro de Lisboa a deslocarem-se no dia 22 de setembro de bicicleta para o seu trabalho, no âmbito da Semana Europeia da Mobilidade. NA CARRIS e no METROPOLITANO DE LISBOA a iniciativa decorreu com alguma expressão, tendo alguns dos trabalhadores decidido deslocar-se para as instalações da empresa de bicicleta. Vá ao Museu da CARRIS e almoce com desconto Os colaboradores da CARRIS e das empresas participadas já podem beneficiar de um desconto de 15% em todos os almoços na Cafetaria do Village Underground. E o café é oferecido. É uma boa oportunidade para fazer um passeio diferente, visitando o Museu da CARRIS e conhecendo as novas coleções da CARRIS e do METROPOLITANO DE LISBOA Nº de Colaboradores/as da CARRIS Nº de Horas de Licença Partilhada gozadas por Homens na CARRIS Habilitações atualizadas A CARRIS desafiou os seus colaboradores a responderem a um breve questionário sobre o posicionamento das suas habilitações. Já foram recebidas mais de 300 respostas. Entre os objetivos desta iniciativa estão a atualização da base de dados interna, o conhecimento dos interesses individuais dos colaboradores e a criação de planos de formação e desenvolvimento adaptados às reais necessidades do capital humano da empresa. As respostas ao inquérito podem ser dadas no no portal mycarris, na página da Intranet ou no link enviado por jul/ago/set 2014 jul/ago/set

16 DENTRO DE PORTAS DENTRO DE PORTAS Grupo Desportivo da CARRIS Jogue Xadrez! CCDTML Sempre em movimento! O jogo de Xadrez não é apenas um jogo, ou um hobby. É, acima de tudo, um desafio para a nossa mente. Um desafio onde desenvolvemos diversas capacidades cognitivas, bem como aperfeiçoamos, mesmo de modo inconsciente, a capacidade de concentração e de foco na resolução de problemas concretos. No limite, podemos afirmar que o nosso cérebro se comporta como um músculo. Se o soubermos usar bem, desenvolveremos o mesmo. Caso contrário, tal como sucede com os músculos do corpo, o cérebro ficará mais preguiçoso e atrofiado. Da prática desta modalidade, quer seja em torneio, quer em estudo do jogo, é possível desenvolver os aspetos seguintes: Aumento da capacidade da memória; Melhoria da capacidade de concentração; Aumento da velocidade de raciocínio; Aumento da capacidade para lidar melhor com o sucesso e com o insucesso; O Xadrez é capaz de mostrar as consequências de atitudes displicentes, que não tenham sido previamente calculadas e, por conseguinte, estimula o hábito de refletir antes de agir, além de ensinar assumir as responsabilidades dos nossos atos. Num estudo realizado na antiga RDA (ex-alemanha Oriental), comparando o desenvolvimento de grupos de estudantes de diversas idades, separando-os em dois grupos os que jogavam e os que não jogavam Xadrez concluiu-se que: O Xadrez estimula a atividade intelectual e estabiliza a personalidade de crianças e jovens durante seu crescimento; O raciocínio lógico e a capacidade de cálculo são estimulados, produzindo excelentes resultados no desempenho escolar, com destaque particularmente notável nos casos da Física e da Matemática; Os alunos que jogavam Xadrez apresentavam uma nítida superioridade em força de vontade, tenacidade, memória e concentração; O Xadrez ensina a criança a avaliar as consequências dos seus atos, tornando-as mais prudentes e responsáveis. Também em pesquisas realizadas na Inglaterra, chegou-se à conclusão de que a concentração e a habilidade em formular e, posteriormente, concretizar planos no tabuleiro, contribui, significativamente, para a melhoria do processo de tomada de decisões e execução das mesmas num jogo muito mais importante, que é o jogo da nossa vida. CONCLUINDO: Ao ficar imóvel, frente a um tabuleiro, a pensar na jogada e em silêncio, desenvolve-se o autocontrolo, o ser calmo e paciente; Ao jogar um determinado número de movimentos, num determinado tempo, desenvolve-se a capacidade de avaliação, com respeito pelo tempo disponível; Ao jogar um lance, após uma análise exaustiva da posição, desenvolve-se a capacidade de se pensar com abrangência e profundidade; Ao encontrar-se um lance para se jogar e continuar a procurar um outro ainda melhor, desenvolve-se a tenacidade, a persistência e o empenho na melhoria contínua; Ao construir um plano de jogo, na base de uma sucessão de jogadas lógicas, desenvolve-se a criatividade e a imaginação; Ao cumprimentar o vencedor, estamos a desenvolver o respeito pelo próximo; No caso das crianças e jovens, o Xadrez estimula o desenvolvimento intelectual; No caso dos adultos e idosos, o Xadrez contribui para a preservação, por mais tempo, da agilidade mental. Por tudo isto, é importante, que tendo filhos em idade escolar, procure que eles pratiquem esta modalidade. Irá, seguramente, desenvolver as suas capacidades de aprendizagem, a par de um desenvolvimento equilibrado de importantes fatores, como o raciocínio lógico, o pensamento estratégico, a capacidade de concentração na resolução dos problemas, etc. Para um aconselhamento, onde podem os vossos filhos praticar Xadrez, devem contactar a Associação de Xadrez de Lisboa, por exemplo, para o endereço de com. Esta associação saberá aconselhar quais os melhores locais, clubes, ou escolas, onde os vossos filhos podem desenvolver esta prática. A este propósito, esperamos, que num futuro próximo, como já ocorreu o passado, o nosso Grupo Desportivo tenha capacidade para captar e desenvolver jovens talentos. Brevemente daremos novidades a este respeito.no entanto, não é só para os nossos filhos, que este jogo é importante. Para os nossos tripulantes, também é importante desenvolver a capacidade de concentração e antecipação de problemas, aliado a uma forma lógica de pensar. Deste modo, de forma automática, aprenderemos a lidar melhor com os problemas do dia-a-dia, designadamente, no que se refere ao trânsito, evitando-se, ainda mais, possíveis situações de conflito, acidentes, ou incidentes. Se soubermos antecipar melhor os problemas, saberemos evitá-los, melhorando a nossa performance. Da parte do Grupo Desportivo, com este objetivo, informamos, que iremos colocar jogos em todas as estações, para que este nobre jogo seja praticado por todos nós. Seguramente, que com a sua prática, desenvolveremos uma empresa melhor. Se sabe jogar Xadrez e quer desenvolver a sua prática, podendo vir a integrar a nossa equipa, ao nível competitivo, contacte-nos para o endereço e seja um dos novos jogadores da nossa equipa. TORNEIO 12 HORAS DE FUTSAL EM MAFRA O CCDTML participou a 12 de julho no Torneio 12 horas de Futsal, organizado pelo Movimento Destaca-te, em Santo Isidoro, Mafra. O CCDTML foi convidado a participar pelo mentor do projeto, através do nosso colega António Martins, juntando-se a outras 9 equipas para a realização deste torneio. A competição começou às 8 horas e terminou às 20 horas. Na 1ª fase, o CCDTML jogou quatro jogos, perdendo dois e ganhando outros dois. Passou aos quartos-de-final, onde jogou contra a equipa do Monte Godel, constituída por muitos jovens, que acabaram por vencer por 3-0. Anda assim, a equipa do CCDTML ganhou o prémio de equipa Mais Simpática do Torneio. APRESENTAÇÃO DA PEÇA O BAILE O refeitório do PMO III Pontinha acolheu a 20 e 21 de junho o espetáculo O Baile, protagonizado pelo Grupo de Teatro do CCDTML. Perto de 300 pessoas assistiram, assim, a um espetáculo com muita música e gargalhadas. Apesar de todas as dificuldades em ensaiar, devido aos horários dos turnos, mas com enorme dedicação e empenho, o Grupo de Teatro do CCDTML tem hoje razões para estar muito orgulhoso do trabalho desenvolvido. Um trabalho que tem sido possível graças à entrega de todos os atores, dos encenadores Helder Gamboa e Ângela Pinto, do pessoal da luz e som, do pianista Rui Silva e de todos os que ajudaram na logística do espetáculo. JOGO DAS GERAÇÕES Foi a 21 de junho que se realizou um jogo de futebol entre várias gerações de atletas que vestiram a camisola do futebol 11 do CCDTML. O jogo teve lugar no mítico Campo do Palmense, onde acabou por ser um jogo aberto e bem jogado e o resultado foi o que menos interessou. Depois do excelente jogo de futebol, realizou-se também o almoço no Restaurante do Campo do Palmense. Foi uma oportunidade da geração mais recente da equipa conviver com as velhas glórias, trocando e contando histórias que se passaram durante todos estes anos em que o futebol de 11 existe no CCDTML. FESTA DOS SANTOS POPULARES O CCDTML conseguiu reativar a Festa dos Santos Populares, que se realizou na Noite de Santo António, no PMO I de Sete-Rios. Cerca de 300 pessoas participaram no evento, onde foram homenageados os associados, que não pagaram qualquer valor pela sua presença e do seu cônjuge. A animação não faltou, com muitas crianças presentes, música, comida e boa disposição. TORNEIO DE TÉNIS-DE-MESA DA CASA DO PESSOAL DA RTP Estes foram os resultados obtidos pelos atletas em representação do CCDTML que participaram no Torneio de Ténis-de-Mesa da Casa do Pessoal da RTP: Torneio Corbillon 19.º lugar por equipas; Torneio Ranking List Nacional - RTP 2014 Barros Costa - 23º lugar (com direito a 5 pontos, ficando com o total acumulado de 20 pontos) Joaquim Pinto - 14º lugar (com direito a 8 pontos, ficando com o total acumulado de 16 pontos) José Cid - 21º lugar (com direito a 5 pontos, ficando com o total acumulado de 13 pontos) Lígio Sandes - não apurado para o mapa final (ficando com o total acumulado de 8 pontos) 30 jul/ago/set 2014 jul/ago/set

17 DENTRO DE PORTAS Música para animar as festas A Banda de Musica dos Empregados da CARRIS iniciou este verão com várias atuações! Dia 22 de junho o Grupo Coral participou no Concerto de Boas Vindas ao verão, em conjunto com o Coro Outros Cantos, a convite da Fábrica da Pólvora de Barcarena e da Câmara Municipal de Oeiras. No dia 27 de junho a Orquestra Ligeira participou no evento Santos ao Cubo organizado no Museu da CARRIS para festejar numa só noite os três Santos Populares, Santo António, São João e São Pedro. No dia 28 de junho atuou nas Festas de São Pedro, na Serra de Casal de Cambra. Alguns elementos da Banda de Música dos Empregados da CARRIS participaram, no dia 10 de julho, nas comemorações do 112.º Aniversário Elevador de Santa Justa, um ex-libris da baixa lisboeta, classificado como Monumento Nacional, em fevereiro de Por fim, no dia 18 de julho, a Orquestra Ligeira participou no 116.º Aniversário da Sociedade Filarmónica Operária Amorense, na Amora. Concerto Anual A Banda de Musica dos Empregados da CARRIS irá realizar o seu Concerto Anual, no dia 16 de novembro de 2014, no Auditório Municipal Ruy de Carvalho, em Carnaxide, com a participação da Banda da Música, Orquestra Ligeira e Grupo Coral. Esperamos por todos os sócios e simpatizantes neste dia, fique atento! Conhecemos como ninguém o seu MAN Notícias da ARECA CAMPEONATO DE SUECA QUOTAS Lembramos os nossos associados que estão abertas as inscrições para o Campeonato de Sueca 2014, a realizar no mês de outubro. Relembramos todos os nossos associados que as quotas referentes ao ano de 2014, estão a pagamento. Contacte a secretaria da ARECA. ALMOÇO DE NATAL Como já vai sendo hábito, a ARECA realiza o seu almoço-convívio de Natal para os seus associados e familiares a 8 de dezembro, em Lisboa, num restaurante a designar. Faça a sua inscrição, contactando a secretaria da ARECA. 32 jul/ago/set 2014 jul/ago/set

18 PROPRIEDADE VISTO DE FORA CORREIO DO CLIENTE DIRETOR António Martins Marques (CARRIS) DIRETOR-ADJUNTO Miguel Rodrigues (METROPOLITANO DE LISBOA) CONSELHO REDATORIAL Ana Maria Lopes; António Gonçalves; Filipa Bandeira de Melo; José Maia; Luís Vale; Margarida Loureiro e Nuno Correia. APOIO FOTOGRÁFICO Gabinete de Marketing da CARRIS Direção de Marketing e Comercial do METROPOLITANO DE LISBOA EDITOR Rua Basílio Teles, 35-3ºEsq Lisboa Telef Fax IMPRESSÃO GRAFIVEDRAS Periodicidade: trimestral Tiragem: exemplares Distribuição gratuita aos colaboradores e reformados da Companhia CARRIS de Ferro de Lisboa e do METROPOLITANO DE LISBOA Assinatura anual: 4 euros ISSN: X Depósito Legal nº /13 Isento de Registo no ICS ao abrigo do artigo 9º da Lei de Imprensa nº2/99, de 13 de Janeiro Companhia CARRIS de Ferro de Lisboa Alameda António Sérgio, 62 Complexo de Miraflores Linda-a-Velha METROPOLITANO DE LISBOA Av. Barbosa du Bocage, Lisboa Aprecio a funcionalidade dos transportes públicos José Cid até nem viaja muito de transportes públicos, pois optou por viver fora das grandes cidades, onde eles não chegam. Mas aprecia a acessibilidade e simplicidade do serviço público de transportes e recomenda a sua utilização. Qual a recordação mais antiga que guarda de uma viagem num transporte público? Que imagens recorda em especial? Como não vivo nem nunca vivi em Lisboa confesso que as viagens de transportes públicos que mais me marcaram foram, talvez, as que fiz entre o Entroncamento e o Porto, no comboio regional, quando era pequenino e viajava com os meus amiguinhos mais crescidos. Eu era o mais miudito e, na altura, como estava internado no Colégio das Calditas, um colégio de Jesuítas, fazíamos esta viagem todos os trimestres. Já mais recentemente, em Junho, não posso esquecer a ação divertidíssima que tivemos oportunidade de fazer com a CARRIS e o Zé Perdigão, nos elétricos 12 e também no 15, onde participei a tocar acordeão. Foi fantástico perceber a alegria do público e a simpatia dos colaboradores que nos acompanharam. Seguramente uma manhã muito bem passada com a CARRIS. Ah e ainda fizemos a viagem no Ascensor da Glória, de São Pedro de Alcântara para a Avenida. Recomendo vivamente. O que mais aprecia nos transportes públicos? Do que conheço, aprecio a funcionalidade/ simplicidade, a acessibilidade e a bonomia das pessoas. Sugere a utilização de transportes públicos? Admiro as pessoas que o fazem frequentemente, porque é muito mais prático e funcional, particularmente nas grandes cidades. É extremamente útil andar de transportes públicos. Eu, pessoalmente, não utilizo porque vivo fora da cidade e quando não ando de carro ando de táxi. Mas tenho o maior respeito e aconselho vivamente as pessoas a andarem de transportes públicos porque para além da comodidade é também mais económico. Diariamente chegam à CARRIS e ao METRO testemunhos e felicitações dirigidos às duas empresas e aos seus trabalhadores pela qualidade do serviço prestado. O apoio às pessoas com maiores dificuldades de mobilidade é um dos elogios mais referidos, tal como a disponibilidade e profissionalismo dos seus colaboradores. Aqui ficam alguns exemplos. ROCK IN RIO Venho felicitar a Carris pelo serviço impecável de escoamento dos espetadores do Rock In Rio. O serviço funcionou muito bem, bastante rápido, cómodo, e em funcionamento contínuo. ANTI-CARTEIRISTAS A cliente elogia a coragem e assertividade do jovem guarda-freio face à atuação desenfreada dos carteiristas. Enquanto estes criavam confusão à entrada do elétrico, de modo a assaltar os muitos turistas que ali estavam, o guarda-freio ia dizendo há lugares lá atrás, é favor ir para lá ; se não forem para trás não entra mais ninguém, etc. Como não saiu da paragem, os carteiristas acabaram por abandonar o elétrico. CALMA Ontem no autocarro da 783, que se dirigia para o Marquês de Pombal, na paragem do Aeroporto, entraram duas pessoas que enxovalharam o vosso motorista de uma forma inadmissível. Entretanto o senhor motorista parou o carro e houve pessoas que fingiram que se magoaram... Infelizmente, eu não pude ficar para dar o meu testemunho pessoalmente, mas espero que estas pessoas que, mais uma vez repito, enxovalharam o vosso motorista sejam punidas. Como não devemos só reclamar quero também deixar os meus parabéns ao senhor motorista porque perante esta situação teve uma atitude muito calma. APOIO A DEFICIENTE Sou um deficiente motor, apoiando-me em duas bengalas, e cumpre-me relatar que o senhor motorista do autocarro da carreira 723 me ajudou, ao pretender entrar na Av. Joaquim António de Aguiar, e, depois, na saída na 1.ª paragem da rua Luciano Cordeiro, pelas 10h45m, tendo beneficiado de toda a compreensão para a dificuldade em subir e descer do referido autocarro. COMBATE À FRAUDE Serve o presente meio para reportar a atitude e a postura altamente profissional do motorista de serviço público ( ). Os factos em que tal atitude assenta ocorreram na passada sexta-feira (dia 14/03/2014), na carreira 753 (com destino ao Centro Sul), na paragem do Centro Comercial das Amoreiras. O identificado motorista, demonstrando clara e manifesta adesão à campanha da Carris no combate à fraude nos transportes públicos, interpelou vários indivíduos/passageiros que entraram no referido autocarro sem que para tal tivessem validado os respetivos títulos de transporte. SIMPATIA E DISPONIBILIDADE Sou um dos muitos utentes dos vossos serviços e desloco-me habitual e principalmente na carreira 716. Cumpre-me elogiar alguns dos vossos serviços (aqueles que conheço) destacando as pessoas que dão a cara e que muitas das vezes têm que calar perante a má educação e a má disposição de tantos quantos se utilizam desses mesmos serviços. Porque neste momento sinto-me tratado como um utente/cliente (hoje em dia tal facto vai rareando nos sítios aos quais nos deslocamos), sobretudo em dois dias seguidos, o de ontem e o de hoje. Agradeço ao pessoal que me atendeu no Espaço Cliente do Arco do Cego, onde tive que renovar o meu título de transporte, e agradeço na generalidade aos motoristas da carreira 716. A eles estou grato pela simpatia e disponibilidade sempre demonstrada. BOA EDUCAÇÃO Após verificar dificuldades no carregamento do passe ( ) encontrei na estação S. Sebastião dois funcionários que com simpatia e disponibilidade me ajudaram a resolver a questão. Devem os funcionários (tal como os utentes) usar de boa educação e simpatia no trato com outras pessoas. Elogio as funcionárias Sofia Ferreira e Anabela Estevão. ATENDIMENTO PERSONALIZADO I would like to recommend Mr. Carlos Fernandes, that he is a very helpful staff of Lisbon Metro. He is nice, helpful and I found him very kind and smart to understand costumers needs. I appreciate and wish him good luck and thanks to Lisbon Metro for finding employers such kind of staff. jul/ago/set

19

TURMA 10 H. CURSO PROFISSIONAL DE: Técnico de Multimédia RELAÇÃO DE ALUNOS

TURMA 10 H. CURSO PROFISSIONAL DE: Técnico de Multimédia RELAÇÃO DE ALUNOS Técnico de Multimédia 10 H 7536 Alberto Filipe Cardoso Pinto 7566 Ana Isabel Lomar Antunes 7567 Andreia Carine Ferreira Quintela 7537 Bruno Manuel Martins Castro 7538 Bruno Miguel Ferreira Bogas 5859 Bruno

Leia mais

DELEGAÇÃO DISTRITAL DE FORMAÇÃO DE LISBOA FORMAÇÃO MINISTRADA NO ANO 2005 CORPO DE BOMBEIROS

DELEGAÇÃO DISTRITAL DE FORMAÇÃO DE LISBOA FORMAÇÃO MINISTRADA NO ANO 2005 CORPO DE BOMBEIROS DELEGAÇÃO DISTRITAL DE FORMAÇÃO DE LISBOA ESCOLA NACIONAL DE BOMBEIROS FEDERAÇÃO DOS BOMBEIROS DO DISTRITO DE LISBOA FORMAÇÃO MINISTRADA NO ANO 2005 CURSO DE ORGANIZAÇÃO DE POSTOS DE COMANDO Total de formandos:

Leia mais

LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS E NÃO ADMITIDOS. Concurso Oferta de Escola para Contratação de Docente Grupo 110. Ano Letivo - 2014/2015

LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS E NÃO ADMITIDOS. Concurso Oferta de Escola para Contratação de Docente Grupo 110. Ano Letivo - 2014/2015 LISTA DE CANDIDATOS ADMITIDOS E NÃO ADMITIDOS Concurso Oferta de Escola para Contratação de Docente Grupo 110 Ano Letivo - 2014/2015 CANDIDATOS ADMITIDOS: Nº Candidato NOME OSERVAÇÕES 1367130034 Alexandra

Leia mais

LISTA ORDENADA POR GRADUAÇÃO PROFISSIONAL - DGAE

LISTA ORDENADA POR GRADUAÇÃO PROFISSIONAL - DGAE Nome da Escola : Agrupamento de Escolas de Almancil, Loulé Horário n.º: 27-18 horas 2013-10-09 Grupo de Recrutamento: 420 - Geografia LISTA ORDENADA POR GRADUAÇÃO PROFISSIONAL - DGAE Ordenação Graduação

Leia mais

Corrida da Saúde. Infantis A - Feminino

Corrida da Saúde. Infantis A - Feminino Corrida da Saúde Classificação geral do corta-mato, realizado no dia 23 de Dezembro de 2007, na Escola E.B. 2,3 de Valbom. Contou com a participação dos alunos do 4º ano e do 2º e 3º ciclos do Agrupamento

Leia mais

Resultados do CORTA-MATO - DIA 11/11/2015

Resultados do CORTA-MATO - DIA 11/11/2015 Resultados do CORTA-MATO - DIA 11/11/2015 INFANTIL A - MASCULINO - 1000 metros Class. Dorsal Nome Escola 1º 168 NUNO CORDEIRO STª CLARA 2º 244 LUIS FERREIRA STª CLARA 3º 188 FRANCISCO SANTOS STª CLARA

Leia mais

LISTA DE GRADUAÇÃO DOS CANDIDATOS GRUPO DE RECRUTAMENTO 600. Horário 28

LISTA DE GRADUAÇÃO DOS CANDIDATOS GRUPO DE RECRUTAMENTO 600. Horário 28 LISTA DE GRADUAÇÃO DOS CANDIDATOS GRUPO DE RECRUTAMENTO 600 Horário 28 Graduação Profissional Nº Candidato Nome 24,508 4716699811 Vanda Isabel do Vale Silva Almeida 24,203 8219102942 Cristina Maria da

Leia mais

RESULTADOS. Nome Global ( /100) PT1840719 ADÃO AZEVEDO MALHEIRO MATOS BARBOSA 94 B1 PT1840720 ADRIANA MORAIS SOUSA 52 A1

RESULTADOS. Nome Global ( /100) PT1840719 ADÃO AZEVEDO MALHEIRO MATOS BARBOSA 94 B1 PT1840720 ADRIANA MORAIS SOUSA 52 A1 PT1840719 ADÃO AZEVEDO MALHEIRO MATOS BARBOSA 94 B1 PT1840720 ADRIANA MORAIS SOUSA 52 A1 PT1840721 ADRIANA XAVIER DA SILVA FERNANDES 38 Pré-A1 PT1840722 ALEXANDRA FILIPA AZEVEDO SANTOS 52 A1 PT1840723

Leia mais

Nº Escola : 145464. Nº Horário : 79. Nº Horas: 25. Tempo de Serviço antes da profissionalização. Data de Nascimento

Nº Escola : 145464. Nº Horário : 79. Nº Horas: 25. Tempo de Serviço antes da profissionalização. Data de Nascimento Nome da Escola : Agrupamento de Escolas Manuel Teixeira Gomes, Portimão Nº Escola : 145464 Data final da candidatura : 2016-01-19 Nº Horário : 79 Grupo de Recrutamento: 110-1º Ciclo do Ensino Básico Nº

Leia mais

ESCOLA E.B. 2,3 DE LAMAÇÃES 2013-2014

ESCOLA E.B. 2,3 DE LAMAÇÃES 2013-2014 5º1 1 ANA CATARINA R FREITAS SIM 2 BEATRIZ SOARES RIBEIRO SIM 3 DIOGO ANTÓNIO A PEREIRA SIM 4 MÁRCIO RAFAEL R SANTOS SIM 5 MARCO ANTÓNIO B OLIVEIRA SIM 6 NÁDIA ARAÚJO GONÇALVES SIM 7 SUNNY KATHARINA G

Leia mais

ALCATEIA ACAGRUP 2014 - SIERRA NORTE - MADRID - ESPANHA PARTICIPANTES: 26 60% INCIDÊNCIA NO GRUPO 20%

ALCATEIA ACAGRUP 2014 - SIERRA NORTE - MADRID - ESPANHA PARTICIPANTES: 26 60% INCIDÊNCIA NO GRUPO 20% ALCATEIA Sec NIN NOME NIN NOME Lob 1215050143005 Alice Neto Santos Nascimento 1215050143015 Afonso da Fonseca Machado Lob 1215050143010 Amélia Maria Mesquita Aleixo Alves 1115050143010 Afonso Jesus Dias

Leia mais

H764-AEC Lista de Aprovados-AFD

H764-AEC Lista de Aprovados-AFD H764-AEC Lista de Aprovados-AFD Ficheiro gerado em: 17/09/2015 11:27:39 Nº de Oferta Ordem Pontuação Nº do Docente Nome do Docente 764 1 100 1260917894 Nuno Tiago Teixeira 764 2 100 7752957046 Lino Manuel

Leia mais

Nome Curso Golos Amarelos Vermelhos

Nome Curso Golos Amarelos Vermelhos Nome Curso s Amarelos Vermelhos Carlos Júnior Mestrado 4 Jogo 15 Rui Nascimento Mestrado Jerónimo Mestrado 1 Jogo 15 Pedro Francês Mestrado 1 Andre Figueiredo Mestrado 3 Jogo6 Artur Daniel Mestrado 2 João

Leia mais

MFIG - TRABALHO Codigo Nome turma Nota Trabalho 110402106 Adriana Castro Valente 2 15,0 110402107 Alex da Silva Carvalho 3 14,9 70402122 Alexandre

MFIG - TRABALHO Codigo Nome turma Nota Trabalho 110402106 Adriana Castro Valente 2 15,0 110402107 Alex da Silva Carvalho 3 14,9 70402122 Alexandre MFIG - TRABALHO Codigo Nome turma Nota Trabalho 110402106 Adriana Castro Valente 2 15,0 110402107 Alex da Silva Carvalho 3 14,9 70402122 Alexandre Jorge Costelha Seabra 2 18,2 110402182 Ana Catarina Linhares

Leia mais

Lista de Resultados da 6ª Fase de Seleção - Curso de Tripulante de Ambulância de Socorro - TAE-INEM 01/2015 NOTA 1ª F NOTA 2ª F

Lista de Resultados da 6ª Fase de Seleção - Curso de Tripulante de Ambulância de Socorro - TAE-INEM 01/2015 NOTA 1ª F NOTA 2ª F Lista de Resultados da ase de Seleção - Curso de Tripulante de Ambulância de Socorro - TAE-INEM 01/2015 106 2165 02291253122165975318 Abílio Fernando Bragança Milheiro 15,250 14,050 18,400 12,000 12,900

Leia mais

Agrupamento de Escolas Professor Agostinho da Silva Nº Escola: 171888 Nº Horário: 51

Agrupamento de Escolas Professor Agostinho da Silva Nº Escola: 171888 Nº Horário: 51 Nº Horário: 51 4625160693 Sofia Margarida Santos Ferreira Admitido 7197226139 Mónica Sofia Jesus Mateus Admitido 6392341730 Gonçalo Jorge Fernandes Rodrigues Fiúza Admitido 7816555741 Dora Maria Gonçalves

Leia mais

LISTA DE ORDENAÇÃO ENSINO INGLÊS ANO LETIVO 2012-2013

LISTA DE ORDENAÇÃO ENSINO INGLÊS ANO LETIVO 2012-2013 LISTA DE ORDENAÇÃO ENSINO INGLÊS ANO LETIVO 2012-2013 OFERTA 2737 433133 2737 435006 2737 433645 2737 431145 2737 411431 2737 447993 2737 432457 2737 412330 2737 415973 2737 427952 2737 417413 2737 417268

Leia mais

Cartas de Curso para entrega - ESTGOH Nome. Curso

Cartas de Curso para entrega - ESTGOH Nome. Curso Cartas de para entrega - ESTGOH Nome ID Dipl. Nome Aluno(a) Grau Academico 102011 Filipe Dinis Mendes de Figueiredo Engenharia Civil e do Ambiente Bacharelato 102011 Filipe Dinis Mendes de Figueiredo Engenharia

Leia mais

Diretor Subdiretores Secretária do Diretor Serviços Administrativos Serviços Financeiros Recursos Humanos Serviço de Alunos Gabinete de

Diretor Subdiretores Secretária do Diretor Serviços Administrativos Serviços Financeiros Recursos Humanos Serviço de Alunos Gabinete de Diretor Subdiretores Secretária do Diretor Serviços Administrativos Serviços Financeiros Recursos Humanos Serviço de Alunos Gabinete de Pós-Graduações e Mestrados Serviços de Gestão Académica Receção /

Leia mais

Projeto de Movimento dos Oficiais de Justiça de junho de 2015

Projeto de Movimento dos Oficiais de Justiça de junho de 2015 Projeto de Movimento dos Oficiais de Justiça de junho de 2015 Alexandre Luís Albuquerque E Quinhones Gaiolas, 3274/10, Bom com Distinção, Transição, Ana Maria Pires Matias Soares, 3149/10, Muito Bom, Transferência,

Leia mais

Ordenação de Candidatos por Graduação Profissional. Horário 40 - Inglês

Ordenação de Candidatos por Graduação Profissional. Horário 40 - Inglês Ordenação de Candidatos por Graduação Profissional Horário 40 - Inglês Ordenação Graduação Profissional Nome Tipo de Habilitação 1 25,804 Alexandra Caladinho Chagas Narra Qualificação Profissional 2 25,092

Leia mais

Escola sede: Escola Secundária de S. Pedro do Sul Alunos Matriculados - 2015/2016

Escola sede: Escola Secundária de S. Pedro do Sul Alunos Matriculados - 2015/2016 13948 5 A 2.º Ciclo do Ensino Básico Ana Gabriela Pedro Fernandes Escola Básica n.º 2 de São Pedro do Sul 13933 5 A 2.º Ciclo do Ensino Básico Ana Júlia Capela Pinto Escola Básica n.º 2 de São Pedro do

Leia mais

Análise Matemática I - Informática de Gestão Avaliação da 1ª frequência

Análise Matemática I - Informática de Gestão Avaliação da 1ª frequência Análise Matemática I - Informática de Gestão Avaliação da 1ª frequência Número Nome Nota Obs 10780 ALEXANDRE JOSÉ SIMÕES SILVA 15 11007 ALEXANDRE REIS MARTINS 7,7 11243 Álvaro Luis Cortez Fortunato 11,55

Leia mais

151713 - Agrupamento de Escolas de Mosteiro e Cávado 346652 - Escola E.B.2,3 do Cávado. Relação de Alunos

151713 - Agrupamento de Escolas de Mosteiro e Cávado 346652 - Escola E.B.2,3 do Cávado. Relação de Alunos 3452 - Escola E.B.2,3 do Cávado : A 137 1 Adriana Manuela Gomes Pinheiro 14 S S 20 2 Alexandra Pereira Ferreira 28 3 Ângelo Rafael Araújo Gomes S 28 4 Beatriz da Costa Oliveira S 2 5 Domingos Gonçalo Ferreira

Leia mais

COMISSÃO ELEITORAL REDUZIDA. Ata da Quarta Reunião

COMISSÃO ELEITORAL REDUZIDA. Ata da Quarta Reunião ELEIÇÃO PARA OS ÓRGÃOS SOCIAIS DA ASSOCIAÇÃO DE ESTUDANTES DA FACULDADE DE CIÊNCIAS DA UNIVERSIDADE DO PORTO COMISSÃO ELEITORAL REDUZIDA Ata da Quarta Reunião Ao sexto dia do mês de novembro de dois mil

Leia mais

CIRCUITO PORTUGAL TOUR 2015 4ª ETAPA BIATLE - ABRANTES - 04.07.2015. APRENDIZ - 2007 + NOVOS Prova- corrida 200 mts + natação 50 mts + corrida 200 mts

CIRCUITO PORTUGAL TOUR 2015 4ª ETAPA BIATLE - ABRANTES - 04.07.2015. APRENDIZ - 2007 + NOVOS Prova- corrida 200 mts + natação 50 mts + corrida 200 mts CIRCUITO PORTUGAL TOUR 0 ª ETAPA BIATLE - ABRANTES - 0.0.0 APRENDIZ - 00 + NOVOS Prova- corrida 00 mts + natação 0 mts + corrida 00 mts A LUISA CUNHA Casa Benfica de Abrantes 00 0:: A0 INÊS IACHIMOVSCHI

Leia mais

Certificado de Presença em Evento no ISEP

Certificado de Presença em Evento no ISEP *** Adam Silva *** ***c527078fe56b04280dcae9cc3541593d73d82015c12f65f060135ed5*** *** Adulcínio Adulcínio Duarte Rodrigues *** ***09d09b00214962ffdfefa4e2473001b55ffba6c7bbdc74ef3063ec95*** *** Alberto

Leia mais

XI Torneio Inter Escolas de Pista Coberta. Escola Mestre Domingos Saraiva (Lisboa) Centro de Formação EB 2;3 S. Bartolomeu dos Mártires (Viana)

XI Torneio Inter Escolas de Pista Coberta. Escola Mestre Domingos Saraiva (Lisboa) Centro de Formação EB 2;3 S. Bartolomeu dos Mártires (Viana) XI Torneio Inter Escolas de Pista Coberta Escolas Inscritas EB 2;3 de EB 2;3 Sec. Sá de Miranda Colégio Teresiano EB 2;3 Prof. G. Sampaio EB 2;3 de Externato Delfim Ferreira Escola Mestre Domingos Saraiva

Leia mais

MESTRADOS E DOUTORAMENTOS - 2015

MESTRADOS E DOUTORAMENTOS - 2015 MESTRADOS E DOUTORAMENTOS - 2015 2ª FASE - ECT SUPLENTE EXCLUÍDO LISTA DE CANDIDATOS SERIAÇÃO CARLA MARIA CARNEIRO ALVES Doutoramento em Didática de Ciências e Tecnologias 3,9 de 5 4 CARLOS EDUARDO DOS

Leia mais

Lista de Contactos do Departamento de Engenharia Informática

Lista de Contactos do Departamento de Engenharia Informática Lista de Contactos do Departamento de Engenharia Informática Gabinete/Cargo Nome Extensão E-mail Diretor Luiz Felipe Rocha de Faria 1450 lef@isep.ipp.pt Sub-diretor(es) António Constantino Lopes 1462 acm@isep.ipp.pt

Leia mais

CURSO: 10 Alexandre Miguel de Oliveira Figueiredo. 14 Paulo Jorge Farinha Bandola. 16 Pedro Ricardo Pinho Guerreiro

CURSO: 10 Alexandre Miguel de Oliveira Figueiredo. 14 Paulo Jorge Farinha Bandola. 16 Pedro Ricardo Pinho Guerreiro CURSO: GESTÃO DA DISTRIBUIÇÃO E LOGÍSTICA F Proc. Nome do candidato 10 Alexandre Miguel de Oliveira Figueiredo 14 Paulo Jorge Farinha Bandola 16 Pedro Ricardo Pinho Guerreiro 20 Ana Isabel Engenheiro Charrua

Leia mais

CURSO: ANIMADOR SOCIOCULTURAL LISTA PROVISÓRIA DE ALUNOS SELECIONADOS

CURSO: ANIMADOR SOCIOCULTURAL LISTA PROVISÓRIA DE ALUNOS SELECIONADOS CURSO: ANIMADOR SOCIOCULTURAL Adriana da Conceição Palhares Lopes Alexandra Rodrigues Barbosa Ana Salomé Lopes Queirós Andreia Dias da Costa Bianca Patricia Gonçalves Ramos Carina Filipa Monteiro Rodrigues

Leia mais

151713 - Agrupamento de Escolas de Mosteiro e Cávado 346652 - Escola E.B.2,3 do Cávado. Relação de Alunos

151713 - Agrupamento de Escolas de Mosteiro e Cávado 346652 - Escola E.B.2,3 do Cávado. Relação de Alunos 3452 - Escola E.B.2,3 do Cávado Turma : A 2002 1 Ana Catarina Loureiro Silva S 171 2 André Eduardo Dias Santos S 173 3 Ângelo Rafael Costa e Silva S S 2007 4 Bruno da Silva Gonçalves S 20 5 Catarina Daniela

Leia mais

Escola Secundária de S. Pedro do Sul (AESPS)

Escola Secundária de S. Pedro do Sul (AESPS) Sala B5 KFS ALEXANDRE DE ALMEIDA SILVA ALEXANDRE HENRIQUE DA ROCHA OLIVEIRA ALEXANDRE MIGUEL DE ALMEIDA PEREIRA ALEXANDRE SILVA FIGUEIREDO ANA CATARINA GOMES MOREIRA ANA CATARINA MARQUES GOMES ANA MARGARIDA

Leia mais

Agrupamento de Escolas n.º 2 de Beja. Nº Candidato Nome

Agrupamento de Escolas n.º 2 de Beja. Nº Candidato Nome Nome da Escola : Agrupamento de Escolas n.º 2 de Beja Data final da candidatura : 2015-05-06 Grupo de Recrutamento: 110-1º Ciclo do Ensino Básico Ficheiro gerado em : 07/05/2015 11:05:57 Ordenação Graduação

Leia mais

Alunos da ESFMP colocados no Ensino Superior - 1ª Fase

Alunos da ESFMP colocados no Ensino Superior - 1ª Fase Alunos da ESFMP colocados no Ensino Superior - 1ª Fase Nome Estabelecimento de Ensino Superior Curso de Colocação ANA CAROLINA BRANCO COTA Universidade Nova de Lisboa - Faculdade de Ciências Sociais e

Leia mais

ATESTADOS DE FORMAÇÃO

ATESTADOS DE FORMAÇÃO Hélio Luís Coelho Nogueira 01/2012 22/11/2012 22/11/2019 Mário João Rodrigues Matias 02/2012 22/11/2012 22/11/2019 Nuno Miguel Gonçalves Saraiva 03/2012 22/11/2012 22/11/2019 Paulo Alexandre Gonçalves

Leia mais

Nome Profissão Instituição. A. Simões Lopes Professor Universitário (aposentado) - Economia ISEG, Universidade Técnica de Lisboa

Nome Profissão Instituição. A. Simões Lopes Professor Universitário (aposentado) - Economia ISEG, Universidade Técnica de Lisboa Nome Profissão Instituição A. Simões Lopes Professor Universitário (aposentado) - Economia ISEG, Universidade Técnica de Lisboa Adelino Torres Professor Universitário (aposentado) - Economia ISEG, Universidade

Leia mais

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TIRO COM ARMAS DE CAÇA. CAMPEONATO REGIONAL CENTRO - FOSSO UNIVERSAL 3ª CONTAGEM - 21 e 22 ABRIL de 2007

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TIRO COM ARMAS DE CAÇA. CAMPEONATO REGIONAL CENTRO - FOSSO UNIVERSAL 3ª CONTAGEM - 21 e 22 ABRIL de 2007 GERAL 1 1 4 00646 Alexandre Paulo Vilar Matias 6 C.C.P. Ovar S 24 24 24 24 96 2 40 01738 Hélder Rodrigues Correia 5 C.T. Vale das Pedras S 23 23 24 25 95 3 90 00043 Vítor José Carreira Lopes 7 C.D.C.L.

Leia mais

INSTITUTO NACIONAL PARA APROVEITAMENTO DOS TEMPOS LIVRES DOS TRABALHADORES

INSTITUTO NACIONAL PARA APROVEITAMENTO DOS TEMPOS LIVRES DOS TRABALHADORES INSTITUTO NACIONAL PARA APROVEITAMENTO DOS TEMPOS LIVRES DOS TRABALHADORES DEPARTAMENTO DESPORTIVO DISTRITO DE LISBOA COMUNICADO N.º 29/08-DAD/DI/TIRO REGULAMENTARES (DESPORTOS INDIVIDUAIS) TIRO CACR,

Leia mais

Torneio Sete Cidades Rabo de Peixe, 8-11-2014. Prova 1 Masc., 50m Mariposa Cadetes 08-11-2014 Startlist

Torneio Sete Cidades Rabo de Peixe, 8-11-2014. Prova 1 Masc., 50m Mariposa Cadetes 08-11-2014 Startlist Prova 1 Masc., 50m Mariposa Cadetes 3 Henrique Silva Pereira 05 Clube Naval de Rabo de Peixe 57.46 4 Dinis da Silva Marques 04 Clube Naval de Ponta Delgada NT Prova 2 Femin., 50m Mariposa Absolutos Série

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS D. SANCHO I. Escola EB 2,3 Dr. Nuno Simões. Ano letivo 2012-2013. AEC - Atividade Física e Desportiva.

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS D. SANCHO I. Escola EB 2,3 Dr. Nuno Simões. Ano letivo 2012-2013. AEC - Atividade Física e Desportiva. AGRUPAMENTO DE ESCOLAS D. SANCHO I Escola EB 2,3 Dr. Nuno Simões Ano letivo 2012-2013 AEC - Atividade Física e Desportiva Oferta nº 2384 Ordem Pontuação Nome do Docente 1 19 Joana Tavares da Rocha Melo

Leia mais

UNIVERSIDADE LUSÍADA Porto Corpo Docente 2013-2014

UNIVERSIDADE LUSÍADA Porto Corpo Docente 2013-2014 Corpo Docente 2013-2014 Nome Grau Regime de Vínculo Regime de Prestação de Serviços Alberto Francisco Ribeiro de Almeida Doutor Tempo Integral Contrato de prestação de serviço docente Alberto Jorge dos

Leia mais

Direcção Regional de Educação Lisboa 121216 - Agrupamento de Escolas de Santo António 402746 - Escola Básica 2, 3 com Secundário de Santo António

Direcção Regional de Educação Lisboa 121216 - Agrupamento de Escolas de Santo António 402746 - Escola Básica 2, 3 com Secundário de Santo António 20 / 20 Turma : A 6876 1 Ângelo Miguel Borges Pereira Saúde 7802 2 Cíntia Eliane Sanches Freire 7700 3 Daniel Alexandre Laximi Martins 674 4 Débora Soraia Alves Belmonte 671 Eliana Filipa da Conceição

Leia mais

11º GRANDE PRÉMIO DE S.JOSÉ

11º GRANDE PRÉMIO DE S.JOSÉ 11º GRANDE PRÉMIO DE S.JOSÉ 1 FRANCISCO PEREIRA 36 SENIOR MASC. VITÓRIA S.C. 20.23 2 ANDRE SANTOS 48 SENIOR MASC. C.A.O.VIANENSE 20.27 3 JORGE CUNHA 3 SENIOR MASC. S.C.MARIA DA FONTE 21.14 4 DOMINGOS BARROS

Leia mais

Escola sede: Escola Secundária de S. Pedro do Sul Alunos Matriculados - 2015/2016

Escola sede: Escola Secundária de S. Pedro do Sul Alunos Matriculados - 2015/2016 13008 10 E Técnico de Instalações Elétricas Carlos Jorge Oliveira Rodrigues Escola Secundária de São Pedro do Sul 13791 10 E Técnico de Instalações Elétricas Daniel dos Santos Rodrigues Escola Secundária

Leia mais

172388 - Agrupamento de Escolas da Boa Água 331041 - EBI da BOA ÁGUA. Relação de Alunos. Data Nascimento 25-09-2000 07-02-2000 20-05-2000 11-03-1997

172388 - Agrupamento de Escolas da Boa Água 331041 - EBI da BOA ÁGUA. Relação de Alunos. Data Nascimento 25-09-2000 07-02-2000 20-05-2000 11-03-1997 : A 1526 1 Adriana Gonçalves Conduto 25-0-2000 544 2 Ana Rita Carnaxide Antunes 07-02-2000 58 3 Ana ofia Cerejo araiva 20-05-2000 1114 4 Bruno Miguel Fernandes da ilva 11-03-17 601 5 Catarina Alexandra

Leia mais

Estádio Municipal da Guarda, 20 de Março de 2012 1 / 8

Estádio Municipal da Guarda, 20 de Março de 2012 1 / 8 MEGASPRINT INFANTIS A FEMININOS - FINAL 175 Ana Marques 2001 Agrupamento de Escolas de Trancoso 6,3 259 Soraia Pires 2001 Agrupamento de Escolas do Sabugal 6,6 260 Carolina Afonso 2001 Agrupamento de Escolas

Leia mais

isabel.torgal@esa.ipsantarem.pt

isabel.torgal@esa.ipsantarem.pt Secção Académica ana.baptista@esa.ipsantarem.pt eurico.almeida@esa.ipsantarem.pt paula.neto@esa.ipsantarem.pt Ana Isabel Abrantes Coutinho Lopes Batista Eurico José da Piedade Almeida Ana Paula Neto Amante

Leia mais

COMARCA DA MADEIRA. (Funcionários de Justiça que integram os quadros de pessoal) TRANSIÇÕES

COMARCA DA MADEIRA. (Funcionários de Justiça que integram os quadros de pessoal) TRANSIÇÕES Funchal Assist. Operacional RG10509 Ana Rita Faria Berimbau Freitas Núcleo do Funchal Funchal Assist. Operacional RG10387 Elisabete Goncalves Pereira Oliveira Núcleo do Funchal Funchal Assist. Operacional

Leia mais

152729 - Agrupamento de Escolas Dr. Júlio Martins 401535 - Escola Secundária Dr. Júlio Martins Relação de Alunos

152729 - Agrupamento de Escolas Dr. Júlio Martins 401535 - Escola Secundária Dr. Júlio Martins Relação de Alunos : A 1248 1 Ana Garcia Amarante 1239 2 André Carneiro Rodrigues 124 3 Beatriz Branco Ramos 151 4 Camila Alves Salgado 16485 5 Daniel Emídio Costa dos Santos 1648 6 Débora Barroso Fernandes 16528 Hugo Paulo

Leia mais

1º Ciclo 1ª Categoria. 5.º Campeonato Regional de Jogos Matemáticos. Classificação Nome Escola 1º 9 Vasco Batista. 2º 2 Rodrigo de Carvalho F.

1º Ciclo 1ª Categoria. 5.º Campeonato Regional de Jogos Matemáticos. Classificação Nome Escola 1º 9 Vasco Batista. 2º 2 Rodrigo de Carvalho F. 1º 9 Vasco Batista Matriz 2º 2 Rodrigo de Carvalho F. Junior y 3º 7 Beatriz Cunha São Roque 4º 1 Isabel Maria C. R. da Ponte Medina y 5º 5 Maria João Cabral 6º 4 Ângela Oliveira 7º 6 Letícia Rego 8º 3

Leia mais

Dorsal Nome Equipa Tipo Nome da Equipa 101 Lucio Gustavo Coelho Pina individual Individual - 102 Diogo Gonçalves Azuribike Mangualde Team Individual

Dorsal Nome Equipa Tipo Nome da Equipa 101 Lucio Gustavo Coelho Pina individual Individual - 102 Diogo Gonçalves Azuribike Mangualde Team Individual Dorsal Nome Equipa Tipo Nome da Equipa 101 Lucio Gustavo Coelho Pina individual Individual - 102 Diogo Gonçalves Azuribike Mangualde Team Individual - 103 Hugo Neves Dão Nelas Btt/Livestrong Individual

Leia mais

Comunicado Oficial de Resultados Associacao De Atletismo De Castelo Branco 8 GRANDE PREMIO PINHAL - SERTA GD SAO DOMINGOS

Comunicado Oficial de Resultados Associacao De Atletismo De Castelo Branco 8 GRANDE PREMIO PINHAL - SERTA GD SAO DOMINGOS 8 GRANDE PREMIO PINHAL - SERTA GD SAO DOMINGOS BENJAMINS Comunicado Oficial de Resultados Associacao De Atletismo De Castelo Branco 1 1773 NADIA SOUSA BENJAMINS INGLESES FC 00:03:42 2 1888 ERICA MARQUES

Leia mais

31º Curso Normal de Magistrados para os Tribunais Judiciais

31º Curso Normal de Magistrados para os Tribunais Judiciais A 796 Neuza Soraia Rodrigues Carvalhas Direito e Processual 729 Maria Teresa Barros Ferreira Direito e Processual 938 Rute Isabel Bexiga Ramos Direito e Processual 440 Inês Lopes Raimundo Direito e Processual

Leia mais

Universidade de Coimbra Faculdade de Ciências e Tecnologia Departamento de Física Caderno Eleitoral do Curso de Mestrado Integrado em Engenharia

Universidade de Coimbra Faculdade de Ciências e Tecnologia Departamento de Física Caderno Eleitoral do Curso de Mestrado Integrado em Engenharia Caderno Eleitoral do Curso de Curso Número Nome 2007106431 Aderito Jose Rodrigues Amaral 2006106020 ALVARO MOREIRA SERRA APARICIO CARVALHO 2007104050 Ana Alexandra Rebelo Cortez 2010137503 Ana Carolina

Leia mais

COMÉRCIO INTERNACIONAL CURSO DE ECONOMIA

COMÉRCIO INTERNACIONAL CURSO DE ECONOMIA COMÉRCIO INTERNACIONAL CURSO DE ECONOMIA CLASSIFICAÇÕES DO SEGUNDO TESTE E DA AVALIAÇÃO CONTINUA Classificações Classificação Final Alex Santos Teixeira 13 13 Alexandre Prata da Cruz 10 11 Aleydita Barreto

Leia mais

Disciplina Turma Dia Hora início Duração Sala Docente Curso Informações. Maria Teresa dos Reis Pedroso de Lima

Disciplina Turma Dia Hora início Duração Sala Docente Curso Informações. Maria Teresa dos Reis Pedroso de Lima Segunda-feira 08:30 1h Anfiteatro 1.1 Quinta-feira 08:30 1h Anfiteatro 1.1 Terça-feira 11:30 1h Anfiteatro 3.1 Quinta-feira 10:30 1h Anfiteatro 3.1 Maria Teresa dos Reis Pedroso de Lima Maria Teresa dos

Leia mais

Curso Breve de Inglês Jurídico Calendário das Sessões

Curso Breve de Inglês Jurídico Calendário das Sessões Calendário das Sessões Mês Dia Sala Grupo 1 Janeiro 16, 17, 23, 24, 30 31 Fevereiro 6,7 Grupo 2 Fevereiro 27,28 Março 5,6,12,13,19,20 Grupo 3 Abril 9,10,16,17,23,24 Maio 7,8 Grupo 4 Maio 14,15,21,22,28,29

Leia mais

Ministério da Educação e Ciência Resultados da 2ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2013

Ministério da Educação e Ciência Resultados da 2ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2013 14870896 ANA CATARINA DE JESUS RIBEIRO Não colocada 14583084 ANA CATARINA DA ROCHA DIAS Não colocada 14922639 ANA CATARINA SOARES COUTO Colocada em 7230 Instituto Politécnico do Porto - Escola Superior

Leia mais

Delegação de Torres Vedras Relação de Advogados Nome Morada Contactos 9767L Campo da Várzea, 15-1º H

Delegação de Torres Vedras Relação de Advogados Nome Morada Contactos 9767L Campo da Várzea, 15-1º H 9767L Campo da Várzea, 15-1º H 261324120 Álvaro Marcelino 919691820 alvaro.marcelino-9767l@adv.oa.pt 44391L R Teatro Eduardo Costa, 26 - Rc Esq 919863581 Ana Catarina Neves 2590-046 SOBRAL DE MONTE anacatarinaneves-44391l@adv.oa.pt

Leia mais

Campeonato de Inverno de NS FIGURAS CATEGORIA INFANTIL Vila Franca de Xira, 10 de Abril de 2015

Campeonato de Inverno de NS FIGURAS CATEGORIA INFANTIL Vila Franca de Xira, 10 de Abril de 2015 FIGURAS CATEGORIA INFANTIL 1 131962 Maria Lazutina 2 126201 Beatriz Cerqueira Teixeira 3 125652 Maria Tribuzi Melo 4 126262 Mariana Goncalves Carvalho 5 128715 Rita Manuela Silva 6 125651 Mafalda Ventura

Leia mais

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TIRO COM ARMAS DE CAÇA. FOSSO UNIVERSAL CAMPEONATO REGIONAL NORTE - 2007 2ª. CONTAGEM - 24 e 25 de Março

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TIRO COM ARMAS DE CAÇA. FOSSO UNIVERSAL CAMPEONATO REGIONAL NORTE - 2007 2ª. CONTAGEM - 24 e 25 de Março GERAL 1 1 129 00817 Herculano Lopes do Nascimento 8 C.C. Matosinhos S 25 24 25 25 1 99 2 113 00540 Rodrigo Dourado Fernandes 10 C.T. S. Pedro de Rates S 25 25 24 25 0 99 3 88 00588 Carlos Augusto Torres

Leia mais

Direcção Regional de Educação Lisboa 121216 - Agrupamento de Escolas de Santo António 402746 - Escola Básica 2, 3 com Secundário de Santo António

Direcção Regional de Educação Lisboa 121216 - Agrupamento de Escolas de Santo António 402746 - Escola Básica 2, 3 com Secundário de Santo António 20 / 20 16 - Agrupamento de Escolas de Santo António 40246 - Escola Básica 2, 3 com Secundário de Santo António Turma : A 304 1 Ana Beatriz da Silva Costa 6668 2 Ana Carolina Pedroso Coimbra 6391 3 Ângelo

Leia mais

36.ª S. SILVESTRE DA AMADORA 2010 31 DEZEMBRO 2010 Organização: D. O. Rangel Apoio técnico: Xistarca

36.ª S. SILVESTRE DA AMADORA 2010 31 DEZEMBRO 2010 Organização: D. O. Rangel Apoio técnico: Xistarca 36.ª S. SILVESTRE DA AMADORA 2010 31 DEZEMBRO 2010 Organização: D. O. Rangel Apoio técnico: Xistarca CLASSIFICAÇÃO COLECTIVA MASCULINA SÉNIORES 1.º G.D.R. CONFORLIMPA 16 2 MANUEL DAMIAO 29:10 5 LICINIO

Leia mais

161718 - Agrupamento Escolas Castro Daire 343717 - Escola Básica dos 2.º e 3.º Ciclos de Castro Daire. Relação de Alunos

161718 - Agrupamento Escolas Castro Daire 343717 - Escola Básica dos 2.º e 3.º Ciclos de Castro Daire. Relação de Alunos 343717 - Escola Básica dos 2.º e 3.º s de Castro Daire Turma : A 1498 1 Ana Catarina Costa Esteves 14920 2 Ana Francisca da Silva Fernandes 16292 3 Beatriz Monteiro Andrade 14409 4 Camila Almeida Oliveira

Leia mais

E1 - Recuperação de Ativos (com avaliação)

E1 - Recuperação de Ativos (com avaliação) E1 - Recuperação de Ativos (com avaliação) 99203 NÉLIA VILARES VALENTE PR - 3 563 223 JOÃO MANUEL DE VASCONCELOS MACHADO TEIXEIRA ALVES JOSÉ MANUEL GONÇALVES OLIVEIRA FONSECA PA - 49 262 867 694 577 622

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE TRANCOSO

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE TRANCOSO Horário da turma: 5.º A 12 9 12 12 12 9 12 12 9 12 9 12 9 12 9 12 9 12 12 12 12 12 12 RC 12 12 12 12 RC Anabela Maria Fonseca Machado e Cunha, Graça Maria Almeida Diogo,,, Paula Isabel Pereira Marques,

Leia mais

Lista ordenada pela graduação profissional do Grupo de Recrutamento 220 Português/Inglês - horário nº 30

Lista ordenada pela graduação profissional do Grupo de Recrutamento 220 Português/Inglês - horário nº 30 Lista ordenada pela graduação profissional do Grupo de Recrutamento 220 Português/Inglês - horário nº 30 Ordenação Graduação Profissional Nº Candidato Nome 1 25,381 1067445285 Fernanda Maria da Silva Maia

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR AGRÁRIA

ESCOLA SUPERIOR AGRÁRIA ESCOLA SUPERIOR AGRÁRIA Mestrado: Agricultura Tropical António Alberto Pascoal Alves Jorge André Torres Dias Décio Camisa Muquinha Mestrado: Agroecologia António Alberto Pascoal Alves António Manuel Teixeira

Leia mais

161342 - Agrupamento de Escolas de Condeixa-a-Nova 340613 - Escola Básica nº 2 de Condeixa-a-Nova Relação de Alunos

161342 - Agrupamento de Escolas de Condeixa-a-Nova 340613 - Escola Básica nº 2 de Condeixa-a-Nova Relação de Alunos : A 12 1 Adriana Beatriz Pinto Pereira Cortez S 13078 2 Ana Francisca Conceição Costa S 136 3 Ana Francisca Rodrigues Preces 1307 4 António José da Silva Loreto S 13084 Beatriz Moura Neves Beja Facas S

Leia mais

Iflfl flfl 5 95 12 39

Iflfl flfl 5 95 12 39 Ano Escolar 0 1 PORTUGAL 0 Ano de Escolaridade Turma D Estabelecimento de Ensino 0 Escola Básica de Vale de Milhaços 05 0 0 1 1 5 110 0 pg irncpp 51 105 0 1 01 001 0 1 01 05 001 11 1 055 ALINE VALENCE

Leia mais

RESULTADO DAS CANDIDATURAS A BENEFÍCIOS SOCIAIS

RESULTADO DAS CANDIDATURAS A BENEFÍCIOS SOCIAIS 2ª Fase ISCAL AVISO RESULTADO DAS CANDIDATURAS A BENEFÍCIOS SOCIAIS ANO LECTIVO 2007/2008 Com este AVISO são divulgadas as listas com os resultados das candidaturas a benefícios sociais/bolsas de estudo,

Leia mais

Resultados da Candidatura a Alojamento

Resultados da Candidatura a Alojamento Resultados da Candidatura a Alojamento Unidade Orgânica: Serviços de Acção Social RESIDÊNCIA: 02 - ESE ANO LECTIVO: 2015/2016 2ª Fase - Resultados Definitivos >>> EDUCAÇÃO BÁSICA 14711 Ana Catarina Mendes

Leia mais

EDITAL. Notificação de cancelamento da inscrição de mediadores de seguros

EDITAL. Notificação de cancelamento da inscrição de mediadores de seguros EDITAL Notificação de cancelamento da inscrição de mediadores de seguros Ao abrigo da alínea d) do n.º 1 do artigo 70.º do Código do Procedimento Administrativo, na sequência da devolução pelos serviços

Leia mais

Notas do exame da época de recurso de Contabilidade Financeira II 2008/09 Curso de Gestão

Notas do exame da época de recurso de Contabilidade Financeira II 2008/09 Curso de Gestão Notas do exame da época de recurso de Contabilidade Financeira II 2008/09 Curso de Gestão Exame Nota No. Nome Regime Recurso Final 22528 Adriana da Silva Afonso Ordinário 1.25 R 21342 Alexandra Crespo

Leia mais

Mapa de Candidaturas com Pedidos de Residência da Faculdade de Ciências e Tecnologia 2010/2011

Mapa de Candidaturas com Pedidos de Residência da Faculdade de Ciências e Tecnologia 2010/2011 Candidatura Estado Aluno Nome Aproveitamento R. Candidatura 234203 Aberta 104975 ADRIANA FILIPA MATOS MONTEIRO 38 Alojar 235735 Aberta 133024 Alexander Antonius Simões van Halderen Falta matrícula e aproveitamento

Leia mais

VINTE E OITO ANOS DE HISTÓRIA

VINTE E OITO ANOS DE HISTÓRIA CAPA VINTE E OITO ANOS DE HISTÓRIA Uma região Uma cidade Muitas vontades Alfredo da Silva 1987-1990 Luis Filipe 1991-1996 Luis Veiga 1997-2002 João Fernandes Antunes 2003-2008 Jorge Martins 2009-2011 Vitor

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VOUZELA E CAMPIA ESCOLA BÁSICA DE CAMPIA MATEMÁTICA - 2013/2014 (3.º período) 2.º Ciclo - TABUADA

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VOUZELA E CAMPIA ESCOLA BÁSICA DE CAMPIA MATEMÁTICA - 2013/2014 (3.º período) 2.º Ciclo - TABUADA 2.º Ciclo - TABUADA 1.ºs 6.º Ac 7 Fernando Miguel L. Fontes 100,0 6.º Ac 8 Francisca Vicente Silva 100,0 6.º Bc 2 Daniel Henriques Lourenço 99,6 3.ºs 5.º Bc 16 Simão Pedro Tojal Almeida 99,6 5.º Ac 10

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA MANUEL DA FONSECA

ESCOLA SECUNDÁRIA MANUEL DA FONSECA Sala A20 BTI PT2042004 15562026 AFONSO DOS SANTOS CORREIA BTI PT2042005 15956122 ALEXANDRA DUARTE DOS SANTOS BTI PT2042006 13956859 ALEXANDRE C. M. CHARNEQUINHO PEREIRA BTI PT2042007 14573469 ALEXANDRE

Leia mais

METRO de Lisboa - História

METRO de Lisboa - História METRO de Lisboa - História A ideia Desde 1888 que se pensava em construir um sistema de caminhos-de-ferro subterrâneo na cidade de Lisboa. A ideia era do engenheiro militar Henrique de Lima e Cunha; este

Leia mais

Nº Escola : 402503. Nº Horário : 5. Nº Horas: 6. Data de Nascimento. 1 22,452 4811266471 Jorge Manuel Campos Eusébio 17/05/1980 2520 365 18,000

Nº Escola : 402503. Nº Horário : 5. Nº Horas: 6. Data de Nascimento. 1 22,452 4811266471 Jorge Manuel Campos Eusébio 17/05/1980 2520 365 18,000 Nome da Escola : Escola Secundária Pinhal do Rei, Marinha Grande Nº Escola : 402503 Data final da candidatura : 2013-11-21 Nº Horário : 5 Grupo de Recrutamento: 550 - Informática Nº Horas: 6 Ficheiro gerado

Leia mais

I CORPOS DE BOMBEIROS

I CORPOS DE BOMBEIROS I CORPOS DE BOMBEIROS Artigo 1 PESSOAL A Quadro de Comando 1-Nomeações 2-Exonerações 3-Renomeações 4-Licenças O CORPO DE BOMBEIROS DA MADALENA: Que, no período de 01 a 31de JUL10, esteve em gozo de licença,

Leia mais

AMIGOS DO PROJECTO. Ler é sonhar pela mão de outrem. Fernando Pessoa, Livro do Desassossego

AMIGOS DO PROJECTO. Ler é sonhar pela mão de outrem. Fernando Pessoa, Livro do Desassossego Ler é sonhar pela mão de outrem. Fernando Pessoa, Livro do Desassossego AMIGOS DO PROJECTO O projecto Ler Mais e Escrever Melhor nasceu a 17 de Julho de 2008. Encontra-se numa fase de vida a infância que

Leia mais

Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Resultados da 2ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2011

Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Resultados da 2ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2011 14320023 ALEXANDRE VAZ MARQUES VASCONCELOS Colocado em 1105 Universidade do Porto - Faculdade de Engenharia 9897 Ciências de Engenharia - Engenharia de Minas e Geoambiente 13840715 ANA CLÁUDIA DIAS MARTINS

Leia mais

Eleição da Assembleia da República 2015

Eleição da Assembleia da República 2015 Eleição da Assembleia da República 2015 CIRCULO ELEITORAL DE VIANA DO CASTELO LISTAS DEFINITIVAMENTE ADMITIDAS NC Nós, Cidadãos! Mário Jorge da Silva Marques de Almeida Lourenço José de Almada (independente)

Leia mais

------- Maria Conceição Leite Cabral --------------------------------------------------------------------------------------- ------- Maria José

------- Maria Conceição Leite Cabral --------------------------------------------------------------------------------------- ------- Maria José ATA Nº 6 ------- Aos cinco dias do mês de novembro do ano de dois mil e treze, nesta cidade de Matosinhos e Edifício dos Paços do Concelho, encontram-se reunidos: Dr.ª Clarisse Castro, Diretora do Departamento

Leia mais

CENTRO POPULAR DE CULTURA E DESPORTO 13º Torneio de Natação

CENTRO POPULAR DE CULTURA E DESPORTO 13º Torneio de Natação Prova Nº: 1 25Livres Fem. 146 BEATRIZ COSTA UAP I 1 00:24,81 1 4 MATILDE PEREIRA CPCD I 1 00:27,55 2 3 Mª CAROLINA AFONSO CPCD I 1 00:29,22 3 2 MARGARIDA VICENTE CPCD I 1 00:31,37 4 1 BEATRIZ MURALHA CPCD

Leia mais

Agrupamento de Escolas de Padrão da Légua, Matosinhos. Nome da Escola : Nº Escola : 151403. Nº Horário : 20. Ficheiro gerado em : 14/01/2013 10:01:50

Agrupamento de Escolas de Padrão da Légua, Matosinhos. Nome da Escola : Nº Escola : 151403. Nº Horário : 20. Ficheiro gerado em : 14/01/2013 10:01:50 Nome da Escola : Agrupamento de Escolas de Padrão da Légua, Matosinhos Nº Escola : 151403 Nº Horário : 20 Ficheiro gerado em : 14/01/2013 10:01:50 Data final da candidatura : 2013-01-08 Ordenação Graduação

Leia mais

1. Aplicação do Método de Hondt para apuramento dos mandatos (15) a atribuir ao corpo de Professores e Investigadores

1. Aplicação do Método de Hondt para apuramento dos mandatos (15) a atribuir ao corpo de Professores e Investigadores 1. Aplicação do Método de Hondt para apuramento dos mandatos (15) a atribuir ao corpo de Professores e Investigadores Divisor Lista A Lista B Lista C 1 96 99 113 2 48,00 49,50 56,50 3 32,00 33,00 37,67

Leia mais

Autor Área Científica 1 Área Científica 2 Ordem Dia Hora Área Autor Área Científica 1 Área Científica 2 Ordem Dia Hora Área

Autor Área Científica 1 Área Científica 2 Ordem Dia Hora Área Autor Área Científica 1 Área Científica 2 Ordem Dia Hora Área Autor Área Científica 1 Área Científica 2 Ordem Dia Hora Área Carina Coelho Cariologia/Med. dentária Preventiva Dentisteria Operatória 1 11 15h00-16h00 Investigação Isabel Roçadas Pires Cariologia/Med.

Leia mais

aelousada.net AE Lousada Ministério da Educação e Ciência Resultados da 2ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2014

aelousada.net AE Lousada Ministério da Educação e Ciência Resultados da 2ª Fase do Concurso Nacional de Acesso de 2014 ALBERTINO CLÁUDIO DE BESSA VIEIRA Colocado em 3138 Instituto Politécnico do Porto - Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Felgueiras ALBERTO RAFAEL SILVA PEIXOTO Colocado em 3064 Instituto Politécnico

Leia mais

Atividades de Enriquecimento Curricular Ensino do Inglês. Candidatos Excluídos Oferta 923

Atividades de Enriquecimento Curricular Ensino do Inglês. Candidatos Excluídos Oferta 923 Atividades de Enriquecimento Curricular Ensino do Inglês Candidatos Excluídos Oferta 923 Motivo de Exclusão candidatos excluídos pela plataforma da DGRHE por não apresentaram dados válidos no preenchimento

Leia mais

Enunciado do trabalho

Enunciado do trabalho Nome: Bruno José de Oliveira Santos 27363 Comprimento: 5.5 m, Altura de cada piso: 2.7 m, Lado de secção transversal do pilar: 33.3 cm, do piso: 25.4 cm, Módulo de Young do betão armado: 35.9 GPa, Número

Leia mais

ASSOCIAÇÃO DE ATLETISMO DO PORTO TRANSFERÊNCIAS 2010/2011

ASSOCIAÇÃO DE ATLETISMO DO PORTO TRANSFERÊNCIAS 2010/2011 162.024 Renata Sofia Mendes Barbosa Infantil Assoc. Rec. Luz e Vida Gondomarense Alunos de Meirim Futebol Clube 157.431 Bruno Manuel Ribeiro da Silva Juvenil Futebol Clube do Porto Alunos de Meirim Futebol

Leia mais

SERVIÇOS ACADÉMICOS Concursos Provas Maiores de 23 - Escola Superior Agrária ANO LETIVO-2014/2015. B.I. Nome #Escola #Curso Curso

SERVIÇOS ACADÉMICOS Concursos Provas Maiores de 23 - Escola Superior Agrária ANO LETIVO-2014/2015. B.I. Nome #Escola #Curso Curso Concursos Provas Maiores de 23 - Escola Superior Agrária B.I. Nome #Escola #Curso Curso 10594637 Helena Maria Carvalho 3041 9085 Enfermagem Veterinária 12579235 Susana Manuela Miguel Sieiro 3041 9086 Engenharia

Leia mais

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TIRO COM ARMAS DE CAÇA

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TIRO COM ARMAS DE CAÇA GERAL 1 71 01034 João António Reis Semedo 7 C.P.T.C. Lisboa S 24 21 25 22 92 2 19 00077 Joaquim Carlos Esteves Mira dos Reis 7 C.P.T.C. Lisboa S 22 25 20 23 90 3 38 00395 José Manuel Matos Alves da Silva

Leia mais

Alunos apurados para a 2ª fase do concurso: 7º ano

Alunos apurados para a 2ª fase do concurso: 7º ano DEPARTAMENTO DE LÍNGUAS CONCURSO ORTOGRÁFICO DE INGLÊS - 3º CICLO 2011 /2012 Resultados da 1ª fase Alunos apurados para a 2ª fase do concurso: 7º ano 7º A 7º B Nº 1, André Santos Nº 2, André Matos Nº 4,

Leia mais

2014/2015 Lista de manuais escolares adotados 5.º ANO

2014/2015 Lista de manuais escolares adotados 5.º ANO 5.º ANO Inglês História e Geografia de Portugal Ciências Naturais Pretextos 5 Caderno de Atividades - Pretextos 5 Tween 5 - Inglês - 5.º Ano - Nível 1 Tween 5 - Workbook Saber em Ação 5 - História e Geografia

Leia mais

Cursos Profissionais Turma 1P1 Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos

Cursos Profissionais Turma 1P1 Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos Turma 1P1 Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos Nome * Bruno Miguel de Sá Gonçalves b 3,818 TGPSI Fábio Daniel de Sá Gonçalves b 3,727 TGPSI Leandro Filipe da Silva Veiga b 3,364 TGPSI

Leia mais