TEMPORIZADORES ELETRÔNICOS COM RETARDO NA ENERGIZAÇÃO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "TEMPORIZADORES ELETRÔNICOS COM RETARDO NA ENERGIZAÇÃO"

Transcrição

1 TEMPORIZADORES ELETRÔNICOS COM RETARDO NA ENERGIZAÇÃO DTE INTRODUÇÃO Os temporizadores eletrônicos com função RETAR- DO NA ENERGIZAÇÃO são aparelhos projetados para aplicações industriais onde qualidade, confiabilidade, robustez e baixo custo são requisitos fundamentais. Estes aparelhos são montados em caixa de ABS de forma compacta e robusta para permitir uma aplicação segura em todo o tipo de indústria. Esta família de temporizadores é constituída de aparelhos para montagem interna ou externa, para embutir em painéis. Os aparelhos de montagem interna são fixados através de trilho DIN ou por parafusos, já os modelos de montagem externa são fixados por grampos. Fabricados em diversas escalas e voltagens, facilitam o trabalho do projetista e do montador. MTE FUNCIONAMENTO Os temporizadores com a função RETARDO NA ENERGIZAÇÃO comutam seu(s) contato(s) de saída para a posição de trabalho após o intervalo de tempo (t) selecionado na escala do aparelho, contado a partir do instante de sua energização. Nesta série de aparelhos encontramos, dependendo do temporizador escolhido, diferentes arranjos de contatos como mostram os respectivos diagramas de ligações. Os contatos temporizados atuam como descrito acima e os instantâneos ficam comutados para a posição de trabalho enquanto o aparelho estiver energizado. FTE DIAGRAMAS DE FUNCIONAMENTO DTE-1, MTE-1, FTE-1, STE-1 e CTE-1 DTE-11, MTE-11, FTE-11, STE-11 e CTE-11 DTE-14, MTE-14, FTE-14, STE-14 e CTE-14 STE DADOS TÉCNICOS CTE Alimentação (+10% -15%) Série DTE a 240 Vca / Vcc Demais séries a Vca / Vcc Escalas 0,5-1, seg min hs Freqüência da rede Hz Consumo 3 VA Contatos de saída 5 A máx. em 250 Vca - Carga resistiva Precisão de escala Série DTE: ± 6% Demais séries: ± 4% Precisão de repetibilidade ± 2 % Tempo de retorno 100 ms Temperatura ambiente 0 a +50ºC Variantes DTER: Ajuste de tempo à distância (somente 1 contato reversor) DTEF: Tempo fixo sob pedido (até 2 contatos reversores) MTER: Ajuste de tempo à distância (até 2 contatos reversores) MTEF: Tempo fixo sob pedido (até 2 contatos reversores) 6

2 SÉRIES DTE, MTE, FTE, STE e CTE DIAGRAMAS DE LIGAÇÃO DTE-1, DTEF-1 DTE-11 DTE-14 DTER-1 MTE-1, MTEF-1 MTE-11 MTE-14 MTER-1 MTER-11 MTER-14 STE-1, CTE-1 STE-11, CTE-11 STE-14, CTE-14 FTE-1 FTE-11 FTE-14 DIMENSÕES (mm) DTE FTE CTE Observação : ( * ) Não existe nos modelos DTEF e DTER. ( ** ) Não existe nos modelos MTEF e MTER. * MTE STE ** HLT / 12.06: DEVIDO A CONSTANTE EVOLUÇÃO TECNOLÓGICA, A DIGIMEC RESERVA-SE O DIREITO DE ALTERAR QUALQUER INFORMAÇÃO TÉCNICA SEM PRÉVIO AVISO. tel

3 TEMPORIZADORES ELETRÔNICOS COM IMPULSO NA ENERGIZAÇÃO DTI INTRODUÇÃO Os temporizadores eletrônicos com impulso na energização da Digimec, são aparelhos projetados para aplicações industriais onde qualidade, confiabilidade, robustez e baixo custo são requisitos fundamentais. Estes aparelhos são montados em caixa de ABS de forma compacta e robusta para permitir uma aplicação segura em todo o tipo de indústria. Esta família de temporizadores é constituída de aparelhos para montagem interna ou externa, para embutir em painéis. Os aparelhos de montagem interna são fixados através de trilho DIN ou por parafusos, já os modelos de montagem externa são fixados por grampos. Fabricados em diversas escalas e voltagens, facilitam o trabalho do projetista e do montador. MTI FUNCIONAMENTO Os temporizadores com a função IMPULSO comutam seu(s) contato(s) de saída para a posição de trabalho quando o aparelho é energizado e retornam à posição de repouso após o intervalo de tempo (t) selecionado na escala do aparelho. Nesta série de aparelhos encontramos, dependendo do temporizador escolhido, diferentes arranjos de contatos como mostram os respectivos diagramas de ligações. FTI DIAGRAMAS DE FUNCIONAMENTO DTI-1, MTI-1, FTI-1, STI-1 e CTI-1 DTI-11, MTI-11, FTI-11, STI-11 e CTI-11 STI DADOS TÉCNICOS CTI Alimentação (+10% -15%) Série DTI a 240 Vca / Vcc Demais séries a Vca / Vcc Escalas 0,5-1, seg min hs Freqüência da rede Hz Consumo 3 VA Contatos de saída 5 A máx. em 250 Vca - Carga resistiva Precisão de escala Série DTI:± 6% Demais séries:± 4% Precisão de repetibilidade ± 2 % Tempo de retorno 100 ms Temperatura ambiente 0 a 50ºC Variantes DTIR: Ajuste de tempo à distância (somente 1 contato reversor) DTIF: Tempo fixo sob pedido MTIR: Ajuste de tempo à distância MTIF: Tempo fixo sob pedido 8

4 SÉRIES DTI, MTI, FTI, STI e CTI DIAGRAMAS DE LIGAÇÃO DTI-1, DTIF-1 DTI-11 DTIR-1 MTI-1, MTIF-1 MTI-11 MTIR-1 MTIR-11 STI-1, CTI-1 STI-11, CTI-11 FTI-1 FTI-11 DIMENSÕES (mm) DTI FTI CTI Observação : ( * ) Não existe nos modelos DTIF e DTIR. ( ** ) Não existe nos modelos MTIF e MTIR. MTI * ** STI HLT / 12.06: DEVIDO A CONSTANTE EVOLUÇÃO TECNOLÓGICA, A DIGIMEC RESERVA-SE O DIREITO DE ALTERAR QUALQUER INFORMAÇÃO TÉCNICA SEM PRÉVIO AVISO. tel

5 TEMPORIZADORES ELETRÔNICOS COM RETARDO NA DESENERGIZAÇÃO DTD-1 INTRODUÇÃO Os temporizadores eletrônicos com função RETAR- DO NA DESENERGIZAÇÃO da Digimec, são aparelhos projetados para aplicações industriais onde qualidade, confiabilidade, robustez e baixo custo são requisitos fundamentais. Esta família de temporizadores é constituída de aparelhos para montagem interna ou externa, para embutir em painéis. Os aparelhos de montagem interna são fixados através de trilho DIN ou por parafusos, já os modelos de montagem externa são fixados por grampos. Fabricados em diversas escalas e voltagens, facilitam o trabalho do projetista e do montador. DTD-7 MTD-1 FUNCIONAMENTO Os temporizadores com a função RETARDO NA DESENERGIZAÇÃO comutam seu(s) contato(s) de saída para a posição de trabalho quando o aparelho é energizado (DTD-1, MTD-1 e MTD-11) ou no fechamento de um contato auxiliar (DTD-7, MTD-7, MTD-77, FTD-7, STD-7 e CTD-7). Os mesmos retornam para a posição de repouso após o intervalo de tempo (t1) selecionado em sua escala contado a partir da desenergização do mesmo ou da abertura do contato auxiliar. Nesta série de aparelhos encontramos, dependendo do temporizador escolhido, diferentes arranjos de contatos como mostram os respectivos diagramas de ligações. DIAGRAMAS DE FUNCIONAMENTO DTD-1, MTD-1 MTD-11 MTD-7 DTD-7, MTD-7, FTD-7, STD-7 e CTD-7 MTD-77 FTD-7 STD-7 CTD-7 DADOS TÉCNICOS Alimentação (+10% -15%) Série DTD a 240 Vca / Vcc Série MTD-7, FTD-7, STD-7 e CTD a Vca / Vcc Demais séries Vca / Vcc Escalas DTD-1, MTD-1 e MTD-11 1, seg Demais séries 0,5-1, seg min / hs Freqüência da rede Hz Consumo 3 VA Contatos de saída 5 A máx. em 250 Vca - Carga resistiva Precisão de escala DTD-1 e DTD-7:± 6% MTD-1, MTD-11, MTD-7, MTD-77, FTD-7, STD-7 e CTD-7:± 4% Precisão de repetibilidade ± 2 % Tempo de retorno 100 ms Temperatura ambiente 0 a +50ºC 10

6 SÉRIES DTD, MTD, FTD, STD e CTD TABELA PARA ESCOLHA RÁPIDA DTD-1 DTD-7 MTD-1 MTD-11 MTD-7 MTD-77 FTD-7 STD-7 CTD-7 Montagem interna em painéis Montagem externa em painéis Temporização pela alimentação Temporização por contato auxiliar Número de contatos de saída x 48mm 1 72 x 72mm 1 96 x 96mm 1 DIAGRAMAS DE LIGAÇÃO DTD-1 MTD-1 MTD-11 MTD-7 MTD-77 DTD-7 FTD-7 STD-7 e CTD-7 DIMENSÕES (mm) DTD FTD CTD MTD STD HLT / 12.06: DEVIDO A CONSTANTE EVOLUÇÃO TECNOLÓGICA, A DIGIMEC RESERVA-SE O DIREITO DE ALTERAR QUALQUER INFORMAÇÃO TÉCNICA SEM PRÉVIO AVISO. tel

7 TEMPORIZADORES ELETRÔNICOS COM RETARDO NA DESENERGIZAÇÃO INTRODUÇÃO Os temporizadores eletrônicos com função RETAR- DO NA DESENERGIZAÇÃO da Digimec, são aparelhos projetados para aplicações industriais onde qualidade, confiabilidade, robustez e baixo custo são requisitos fundamentais. Estes aparelhos de montagem interna são fixados através de trilho DIN ou por parafusos. Fabricados em diversas escalas e voltagens, facilitam o trabalho do projetista e do montador. FUNCIONAMENTO O temporizador com a função RETARDO NA DESE- NERGIZAÇÃO comuta seu contato de saída para a posição de trabalho quando o aparelho é energizado (A1, A2) e um comando auxiliar energizado for fechado (B1, A2). Retorna à posição de repouso após o intervalo de tempo (t1) selecionado em sua escala contado a partir da abertura do contato do comando auxiliar (B1, A2). Para operá-lo sucessivamente basta fechar e abrir (B1, A2). DIAGRAMA DE FUNCIONAMENTO DADOS TÉCNICOS Alimentação (+10% -15%) Vcc / Vca ou Vca Freqüência da rede 50-60Hz Escalas (especificar) 1, seg / min / hs Consumo 3 VA Contatos de saída 5 A máx. em 250 Vca - Carga resistiva Precisão de escala ± 6 % Precisão de repetibilidade ± 2 % Tempo de retorno 100 ms Temperatura ambiente 0 a +50ºC 12

8 SÉRIE DTDA-1 DIAGRAMA DE LIGAÇÃO DIMENSÕES ( mm ) HLT / 12.06: DEVIDO A CONSTANTE EVOLUÇÃO TECNOLÓGICA, A DIGIMEC RESERVA-SE O DIREITO DE ALTERAR QUALQUER INFORMAÇÃO TÉCNICA SEM PRÉVIO AVISO. tel Temporidadores

9 TEMPORIZADORES ELETRÔNICOS P/ PARTIDA ESTRELA-TRIÂNGULO DE MOTORES DTS-1 INTRODUÇÃO Os temporizadores eletrônicos tipos DTS-1 e MTS-1 para partida ESTRELA-TRIÂNGULO DE MOTORES da Digimec foram projetados para aplicações industriais onde qualidade, confiabilidade, robustez e baixo custo são requisitos fundamentais. Estes aparelhos são montados em caixa de ABS de forma compacta e robusta para permitir uma aplicação segura em todo o tipo de indústria. Estes aparelhos destinam-se a montagem interna em painéis elétricos com fixação através de trilhos DIN ou parafusos, em diversas escalas e voltagens o que os tornam bastante versáteis e completos, facilitando o trabalho do projetista e do montador. MTS-1 FUNCIONAMENTO Energizando-se o aparelho, um relé de saída comuta seus contatos para a posição de trabalho e após o intervalo de tempo ajustado na escala do temporizador, retornam para a posição de repouso. Com um atraso fixo da ordem de 200 ms, um segundo relé de saída comuta seus contatos para a posição de trabalho até que o aparelho seja desenergizado. A primeira saída aciona o contator que liga o motor em ESTRELA e a segunda aciona o contator que faz a conexão do mesmo em TRIÂNGULO. DIAGRAMA DE FUNCIONAMENTO DTS-1 e MTS-1 DADOS TÉCNICOS Alimentação (+10% -15%) DTS-1: a 240 Vca MTS-1: Vca (especificar) Escalas 1, seg min (outros sob consulta) Freqüência da rede Hz Consumo 3 VA Contatos de saída 5 A máx. em 250 Vca - Carga resistiva Precisão de escala ± 6% Precisão de repetibilidade ± 2 % Tempo de retorno 100 ms Temperatura ambiente 0 a +50ºC 14

10 TIPOS DTS-1 e MTS-1 DIAGRAMAS DE LIGAÇÃO DTS-1 MTS-1 DIMENSÕES (mm) DTS-1 MTS-1 HLT / 12.06: DEVIDO A CONSTANTE EVOLUÇÃO TECNOLÓGICA, A DIGIMEC RESERVA-SE O DIREITO DE ALTERAR QUALQUER INFORMAÇÃO TÉCNICA SEM PRÉVIO AVISO. tel

11 TEMPORIZADORES ELETRÔNICOS CÍCLICOS DTC INTRODUÇÃO Os temporizadores eletrônicos com função CÍCLI- CO da Digimec são aparelhos projetados para aplicações industriais onde qualidade, confiabilidade, robustez e baixo custo são requisitos fundamentais. Estes aparelhos são montados em caixa de ABS de forma compacta e robusta para permitir uma aplicação segura em todo o tipo de indústria. Esta família de temporizadores é constituída de aparelhos para montagem interna ou externa, para embutir em painéis. Os aparelhos de montagem interna são fixados através de trilho DIN ou por parafusos, já os modelos de montagem externa são fixados por grampos. Fabricados em diversas escalas e voltagens, facilitam o trabalho do projetista e do montador. MTC FUNCIONAMENTO Os temporizadores com a função CÍCLICO comutam seu(s) contato(s) de saída para a posição de trabalho durante o intervalo de tempo (t1) e retorna para a posição de repouso durante o intervalo de tempo (t2) selecionados na escala do aparelho. Nessa série de aparelhos encontramos, dependendo do temporizador escolhido, diferentes arranjos de contatos como mostram os respectivos diagramas de ligações. FTC DIAGRAMAS DE FUNCIONAMENTO DTC-1, MTC-1, FTC-1, STC-1 e CTC-1 DTC-11, MTC-11, FTC-11, STC-11 e CTC-11 STC DADOS TÉCNICOS CTC Alimentação (+10% -15%) Série DTC a 240 Vca / Vcc Demais séries a Vca / Vcc Escalas 1, seg min / 5 hs ou combinações. * Freqüência da rede Hz Consumo 3 VA Contatos de saída 5 A máx. em 250 Vca - Carga resistiva Precisão de escala ± 6% Precisão de repetibilidade ± 2 % Tempo de retorno 100 ms Temperatura ambiente 0 a +50ºC * Outras sob consulta 16

12 SÉRIES DTC, MTC, FTC, STC e CTC DIAGRAMAS DE LIGAÇÃO DTC-1 DTC-11 FTC-1 FTC-11 MTC-1 MTC-11 MTCR-1 STC-1, CTC-1 STC-11, CTC-11 DIMENSÕES (mm) DTC FTC CTC MTC STC HLT / 12.06: DEVIDO A CONSTANTE EVOLUÇÃO TECNOLÓGICA, A DIGIMEC RESERVA-SE O DIREITO DE ALTERAR QUALQUER INFORMAÇÃO TÉCNICA SEM PRÉVIO AVISO. tel

13 TEMPORIZADORES ELETRÔNICOS CÍCLICOS PARA SINALIZAÇÃO DTCG INTRODUÇÃO Os temporizadores eletrônicos com função CÍCLICO PARA SINALIZAÇÃO da Digimec são aparelhos projetados para aplicações industriais onde qualidade, confiabilidade, robustez e baixo custo são requisitos fundamentais. Estes aparelhos são montados em caixa de ABS de forma compacta e robusta para permitir uma aplicação segura em todo o tipo de indústria. Esta família de temporizadores é constituída de aparelhos para montagem interna em painéis elétricos com fixação através de trilhos DIN ou parafusos. MTCG FUNCIONAMENTO Os temporizadores com a função CÍCLICO PARA SINALIZAÇÃO comutam seu(s) contato(s) de saída para a posição de trabalho e de repouso, por intervalos de tempo iguais, ciclicamente e numa freqüência selecionada no frontal do aparelho. Nesta série de aparelhos encontramos, dependendo do temporizador escolhido, diferentes arranjos de contatos como mostram os respectivos diagramas de ligações. DIAGRAMAS DE FUNCIONAMENTO DTCG-1 e MTCG-1 DTCG-11, MTCG-11 DADOS TÉCNICOS Alimentação (+10% -15%) Série DTCG a 240 Vca / Vcc Série MTCG a Vca / Vcc Freqüência da rede Hz Ajuste de freqüência Série DTCG : 20 a 80 imp/min. Série MTCG: 40 a 80 imp/min. (outras sob consulta) Consumo 3 VA Contatos de saída 5 A máx. em 250 Vca - Carga resistiva Precisão de ajuste ± 1 imp. / min. Precisão de repetibilidade ± 2 % Tempo de retorno 100 ms Temperatura ambiente 0 a +50ºC 18

14 SÉRIES DTCG e MTCG DIAGRAMAS DE LIGAÇÃO DTCG-1 DTCG-11 MTCG-1 MTCG-11 DIMENSÕES (mm) DTCG-1 MTCG-1 HLT / 12.06: DEVIDO A CONSTANTE EVOLUÇÃO TECNOLÓGICA, A DIGIMEC RESERVA-SE O DIREITO DE ALTERAR QUALQUER INFORMAÇÃO TÉCNICA SEM PRÉVIO AVISO. tel

TEMPORIZADORES DUPLA FUNÇÃO

TEMPORIZADORES DUPLA FUNÇÃO TEMPORIZADORES DUPLA FUNÇÃO INTRODUÇÃO Os temporizadores eletrônicos dupla função da Digimec foram projetados para trabalho tanto na função RETARDO NA ENERGIZAÇÃO, bem como na função IMPULSO, definindo-se

Leia mais

CONTADORES DE IMPULSOS MICROPROCESSADOS

CONTADORES DE IMPULSOS MICROPROCESSADOS CONTADORES DE IMPULSOS MICROPROCESSADOS FCM INTRODUÇÃO Os contadores de impulsos microprocessados séries FCM, SCM, CCM e RCM foram desenvolvidos pela Digimec para garantir o uso destes aparelhos em serviços

Leia mais

CWC + ACESSÓRIOS. 3 e 4. 3 e 4. 3 e 4

CWC + ACESSÓRIOS. 3 e 4. 3 e 4. 3 e 4 Minicontator CWC ü Manobra em regime AC-3 até 16A. ü Acoplamento direto ao relé de sobrecarga RW17D ü Linhas com bobina CA e CC com mesmo dimensional ü Bobina CC de baixo consumo ü Operação em regime AC-4

Leia mais

A tampa de proteção KS-100 é um ítem opcional altamente recomendável. 3-32 Vcc ou 90-280 Vca (especificar)

A tampa de proteção KS-100 é um ítem opcional altamente recomendável. 3-32 Vcc ou 90-280 Vca (especificar) MANUAL DE INSTRUÇÕES CONSIDERAÇÕES PARA INSTALAÇÃO Atenção: Material não passível de garantia. Evite utilizá-lo sem dissipador. Sempre utilizar pasta térmica entre o relé e o dissipador, ou placa de montagem;

Leia mais

Relé Auxiliar RCA 116

Relé Auxiliar RCA 116 Relé Auxiliar RCA 116 Aplicação, Estrutura e Funcionamento. Aplicação O Relé Auxiliar RCA 116 é especialmente apropriado para uso em instalações de comando manual, controles automáticos e supervisão. O

Leia mais

Relés de Nível. Manual de Instalação. Relé de Nível Inferior (RNAI) Relé de Nível Superior (RNAS) C205726 - REV 1

Relés de Nível. Manual de Instalação. Relé de Nível Inferior (RNAI) Relé de Nível Superior (RNAS) C205726 - REV 1 Relés de Nível Relé de Nível Inferior (RNAI) Relé de Nível Superior (RNAS) Manual de Instalação C205726 - REV 1 1) Apresentação Relés de Nível RNAI e RNAS Este manual descreve as características de funcionamento,

Leia mais

www.comatreleco.com.br R:Benjamim Constant, 56 Tel:(11) 2311-5682 contato@comatreleco.com.br

www.comatreleco.com.br R:Benjamim Constant, 56 Tel:(11) 2311-5682 contato@comatreleco.com.br Monitoramento de motores monofásico/trifásico MRU, MRI, MRM 1 Características Tensão de Alimentação UC12-48V ou UC110-240V Contato Reversível Entradas de medição separadas galvanicamente da alimentação

Leia mais

Relé de Proteção do Motor RPM ANSI 37/49/50/77/86/94 CATÁLOGO. ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/5

Relé de Proteção do Motor RPM ANSI 37/49/50/77/86/94 CATÁLOGO. ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/5 CATÁLOGO ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/5 INTRODUÇÃO O Relé de Proteção de Motores RPM foi desenvolvido para supervisionar até 2 (dois) grupos ventiladores/motores simultaneamente, é utilizado

Leia mais

Monitor de Nível de Óleo para Transformadores - MNO

Monitor de Nível de Óleo para Transformadores - MNO ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/5 INTRODUÇÃO O Monitor de Nível de Óleo para Transformadores e reatores MNO, é um equipamento microprocessado de alta precisão que indica o nível de óleo em escala

Leia mais

CONTROLES DE NÍVEL ELETROMECÂNICOS

CONTROLES DE NÍVEL ELETROMECÂNICOS CONTROLES DE NÍVEL ELETROMECÂNICOS APNP-1 INTRODUÇÃO Os controladores de nível eletromecânicos da DIGIMEC são utilizados para controle do nível durante processos de armazenamento ou transporte de materiais

Leia mais

CONTATORES E RELÉS DE SOBRECARGA

CONTATORES E RELÉS DE SOBRECARGA Mod. 0.0/0.0 Sujeito a alterações sem prévio aviso. WEG CIONMENTOS V. PREF. WLDEMR GRUBB, 00 800 JRGUÁ DO SUL SC TEL. (7) 700 FX (7) 70 http://www.weg.com.br email : wamkt@weg.com.br SÃO PULO: TEL. ()

Leia mais

Monitor de Temperatura M96

Monitor de Temperatura M96 ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/5 INTRODUÇÃO O Monitor de Temperatura M96 foi desenvolvido para supervisionar até 8 (oito) canais de temperatura simultaneamente, ele é utilizado para proteger

Leia mais

Indicador Digital Processos MODO DE USO. Dados Técnicos Conexões elétricas Utilização do teclado Dimensional. ABB Automação.

Indicador Digital Processos MODO DE USO. Dados Técnicos Conexões elétricas Utilização do teclado Dimensional. ABB Automação. Indicador Digital Processos MODO DE USO Dados Técnicos Conexões elétricas Utilização do teclado Dimensional ABB Automação Hartmann & Braun Dados Técnicos (NRB5180) Entrada -mvdc: -Vdc -madc Alimentação

Leia mais

*OBS: Chave estrela-triângulo: tensão de partida limitada a 58% da tensão nominal.

*OBS: Chave estrela-triângulo: tensão de partida limitada a 58% da tensão nominal. 1 Laboratório Instalações Elétricas Industriais Professor: Marcio Luiz Magri Kimpara PATIDA COMPENADOA AUTOMÁTICA Introdução Assim como a chave estrela-triângulo, a partida compensadora tem a finalidade

Leia mais

3.1.6 Entradas digitais Quantidade: 8. Tipo: NPN / PNP conforme configuração, dividida em 2 grupos de 4 entradas. Impedância de entrada: 8.8KΩ.

3.1.6 Entradas digitais Quantidade: 8. Tipo: NPN / PNP conforme configuração, dividida em 2 grupos de 4 entradas. Impedância de entrada: 8.8KΩ. 8 Tecla Cancelar. Utilizado para retorno de nível de programação. 9 Tecla Enter. Utilizado para acessar programação. Obs.: Todas as teclas podem ser utilizadas no diagrama Ladder. 3. CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Leia mais

3. CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

3. CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS 3. CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS 3.2 CARACTERÍSTICAS DE SOFTWARE 1. CARACTERÍSTICAS O CLG535R é um controlador programável que integra os principais recursos empregados em uma automação industrial. Dispõe integrado

Leia mais

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Automação Contatores para Aplicações de Segurança

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Automação Contatores para Aplicações de Segurança Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas Automação Contatores para Aplicações de Segurança Com a crescente conscientização da necessidade de avaliação dos riscos na operação de máquinas

Leia mais

INDICADOR MULTI-PONTOS TM-2100CS

INDICADOR MULTI-PONTOS TM-2100CS INDICADOR MULTI-PONTOS TM-2100CS Introdução Obrigado por ter escolhido nosso INDICADOR MULTI-PONTOS TM-2100CS. Para garantir o uso correto e eficiente do TM-2100CS, leia este manual completo e atentamente

Leia mais

DISTRIBUIDOR - REPRESENTANTE SELCON SISTEMAS ELETRÔNICOS DE CONTROLE LTDA.

DISTRIBUIDOR - REPRESENTANTE SELCON SISTEMAS ELETRÔNICOS DE CONTROLE LTDA. PRODUTO: CHM-E-I-1 FOLHA TÉCNICA 1/7 1. CERTIFICAÇÕES DA SELCON 2. APLICAÇÃO O relé CHM-E é um detector de presença de chama recomendado para queimadores a gás de uso industrial ou comercial com ciclo

Leia mais

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Contatores e Relés de Sobrecarga

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Contatores e Relés de Sobrecarga Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas Contatores e Relés de Sobrecarga Panorama Geral Contatores Modelos CW07 CWC07 CWC09 CWC02 CWC06 CWC025 Potência nominal de emprego em AC-3 )

Leia mais

S IBRATEC MANUAL DE INSTRUÇÕES AOB294I-5K1 AMPERÍMETRO COM SAÍDA DE CONTROLE

S IBRATEC MANUAL DE INSTRUÇÕES AOB294I-5K1 AMPERÍMETRO COM SAÍDA DE CONTROLE www.sibratec.ind.br MANUAL DE INSTRUÇÕES AOB294I-5K1 AMPERÍMETRO COM SAÍDA DE CONTROLE 1 - INTRODUÇÃO Os medidores de grandezas elétricas da família AOB fazem parte de uma nova geração de medidores inteligentes

Leia mais

Monitor de Temperatura Digital para transformadores MONITEMP PLUS

Monitor de Temperatura Digital para transformadores MONITEMP PLUS ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/6 INTRODUÇÃO O Monitor de Temperatura MoniTemp Plus foi desenvolvido para monitorar a temperatura de óleo e enrolamento, comandar a ventilação e proteger transformadores

Leia mais

Monitor de Temperatura MONITEMP

Monitor de Temperatura MONITEMP ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/5 INTRODUÇÃO O Monitor de Temperatura MoniTemp foi desenvolvido para supervisionar até 3 (três) canais de temperatura simultaneamente, ele é utilizado para proteger

Leia mais

Os termômetros de resistência podem ser isolados de altas tensões. Todavia, na prática, o espaço de instalação disponível é frequentemente pequeno

Os termômetros de resistência podem ser isolados de altas tensões. Todavia, na prática, o espaço de instalação disponível é frequentemente pequeno ProLine P 44000 Medições Precisas de Temperatura em Altas Tensões, até 6,6 kv Quando as temperaturas precisam ser medidas com termômetros de resistência Pt100 em ambientes sob altas tensões, os transmissores

Leia mais

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Contatores para Aplicações de Segurança

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Contatores para Aplicações de Segurança Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas Contatores para Aplicações de Segurança Contatores para Aplicações de Segurança Com a crescente conscientização da necessidade de avaliação dos

Leia mais

Contatos em AgNi, para comutação de cargas resistivas ou levemente indutivas, como cargas de motores. 2000 fluorescente compacta (CFL) W

Contatos em AgNi, para comutação de cargas resistivas ou levemente indutivas, como cargas de motores. 2000 fluorescente compacta (CFL) W Série - Contator modular 25-40 - 63 A SÉRIE Características.32.0.xxx.1xx0.32.0.xxx.4xx0 Contator modular de 25A - 2 contatos Largura do módulo, 17.5 mm Contatos NA com abertura 3mm com dupla abertura Energização

Leia mais

Electron do Brasil. Tecnologia ao seu alcance. Tecnologia Digital. www.electrondobrasil.com. Catálogo Monitemp - rev3. Qualidade Comprovada!

Electron do Brasil. Tecnologia ao seu alcance. Tecnologia Digital. www.electrondobrasil.com. Catálogo Monitemp - rev3. Qualidade Comprovada! Electron do Brasil Tecnologia Digital Qualidade Comprovada! Ensaios de Tipo Realizados Tecnologia ao seu alcance Catálogo Monitemp - rev3 Produtos Certificados! www.electrondobrasil.com O Monitor de Temperatura

Leia mais

PRODUTO: FOLHA TÉCNICA 1 /10

PRODUTO: FOLHA TÉCNICA 1 /10 PRODUTO: FOLHA TÉCNICA 1 /10 O relé CHM-P é um detector de presença de chama recomendado para queimador de uso industrial ou comercial, com ciclo de uso não contínuo (liga / desliga queimador num período

Leia mais

ANUNCIADOR DE ALARME AL-2003

ANUNCIADOR DE ALARME AL-2003 AL-2003 Manual do usuário Anunciador de Alarme MAN-PT-DE-AL2003 Rev.: 1.00-12 Introdução Obrigado por ter escolhido nosso AL-2003. Para garantir o uso correto e eficiente do AL-2003, leia este manual

Leia mais

ANSI - 23 26 45 49 49I 62 74 77 94

ANSI - 23 26 45 49 49I 62 74 77 94 ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/7 INTRODUÇÃO O Monitor de Temperatura MASTERTEMP foi desenvolvido para monitorar a temperatura de óleo e enrolamento, comandar a ventilação e proteger transformadores

Leia mais

2 contatos, 10 A Conexão a parafuso Montagem em trilho 35 mm (EN 60715) Montagem em trilho 35 mm (EN 60715)

2 contatos, 10 A Conexão a parafuso Montagem em trilho 35 mm (EN 60715) Montagem em trilho 35 mm (EN 60715) Série - 7-0 A SÉRIE Características.3.33.34 Relé Modular de interface, 3 e 4 contatos, largura 7 mm. Interface ideal para sistemas eletrônicos e para PLC..3 - contatos 0 A (conexão a parafuso).33-3 contatos

Leia mais

ESTAÇÃO TRANSFERÊNCIA AUTO- MANUAL TM-2500/AM

ESTAÇÃO TRANSFERÊNCIA AUTO- MANUAL TM-2500/AM ESTAÇÃO TRANSFERÊNCIA AUTO- MANUAL TM-2500/AM Introdução Obrigado por ter escolhido nosso ESTAÇÃO TRANSFERÊNCIA AUTO-MANUAL TM- 2500/AM. Para garantir o uso correto e eficiente do TM-2500/AM, leia este

Leia mais

110,5 x 22,5 x 114 (term. mola)

110,5 x 22,5 x 114 (term. mola) Supervisão de parada de emergência e monitoramento de portas Supervisão de sensores de segurança magnéticos codificados Entrada para 1 ou 2 canais Categoria de Segurança até 4 conforme EN 954-1 Para aplicações

Leia mais

Relés de Proteção Térmica Simotemp

Relés de Proteção Térmica Simotemp Relés de Proteção Térmica Simotemp Confiabilidade e precisão para controle e proteção de transformadores Answers for energy. A temperatura é o principal fator de envelhecimento do transformador Os relés

Leia mais

INFORMATIVO DE PRODUTO

INFORMATIVO DE PRODUTO Mini Sirene Eletrônica Audiovisual Um Toque Iluminação a LED - Para Pequenas e Médias Áreas - Código: AFMSF A sirene audiovisual de alarme código AFMSF é um equipamento que deve ser instalado no teto ou

Leia mais

VaryControl VAV-EasySet

VaryControl VAV-EasySet 5/3.6/P/1 VaryControl VAV-EasySet Kit para Renovação de Unidades VAV Terminais (Somente Importado) TROX DO BRASIL LTDA. Rua Alvarenga, 225 59-5 São Paulo SP Fone: (11) 337-39 Fax: (11) 337-391 E-mail:

Leia mais

DISTRIBUIDOR DE ALIMENTAÇÃO QDA-10

DISTRIBUIDOR DE ALIMENTAÇÃO QDA-10 DISTRIBUIDOR DE ALIMENTAÇÃO QDA-10 Manual do usuário Distribuidor de Alimentação MAN-DE-QDA10 Rev.: 02.00-08 Introdução Obrigado por ter escolhido nosso QDA-10. Para garantir o uso correto e eficiente

Leia mais

Módulo de Aquisição de Dados e Controle. Catálogo

Módulo de Aquisição de Dados e Controle. Catálogo DM Catálogo Módulo de Aquisição de Dados e Controle O Módulo de Aquisição de Dados e Controle - DM efetua a interface de sistemas digitais com qualquer equipamento analógico ou eletromecânico que não possui

Leia mais

ST 160 ST 160 0 # Manual de Referência e Instalação

ST 160 ST 160 0 # Manual de Referência e Instalação ST 160 ST 160 1 2 3 4 5 6 7 8 9 0 # Manual de Referência e Instalação Descrições 1 1 2 3 4 5 6 7 8 9 0 # 3 2 Número Descrição 1 Indicador de modo 2 Antena 3 Matriz do Teclado 4 Parafuso Especificações

Leia mais

ISOTRANS IND. DE TRANSFORMADORES LTDA.

ISOTRANS IND. DE TRANSFORMADORES LTDA. ISOTRANS IND. DE TRANSFORMADORES LTDA. TRANSFORMADORES MONOFÁSICOS DE ISOLAÇÃO COM BLINDAGEM APLICAÇÃO Os transformadores monofásicos de isolação com blindagens, magnética e eletrostática, foram desenvolvidos

Leia mais

1.3 Conectando a rede de alimentação das válvulas solenóides

1.3 Conectando a rede de alimentação das válvulas solenóides 1.3 Conectando a rede de alimentação das válvulas solenóides CONTROLE DE FLUSHING AUTOMÁTICO LCF 12 Modo Periódico e Horário www.lubing.com.br (19) 3583-6929 DESCALVADO SP 1. Instalação O equipamento deve

Leia mais

ME30 infobox basic. ME30 infobox basic. Opções para infobox basic. Operação e visualização LED / Backlight Alarme ou indicação de estado

ME30 infobox basic. ME30 infobox basic. Opções para infobox basic. Operação e visualização LED / Backlight Alarme ou indicação de estado Opções para infobox basic Opção Disponível para a variante conectores com todas as variantes parafusos backlight ao invés de LED até 6 alarmes para todas as variantes de alimentação (vermelho/verde) c/

Leia mais

67.22-4300 67.23-4300. 2 NA Distância entre contatos abertos 3 mm Montagem em circuito impresso. Vista do lado do cobre

67.22-4300 67.23-4300. 2 NA Distância entre contatos abertos 3 mm Montagem em circuito impresso. Vista do lado do cobre Série 67 - Relé de potência para PCI 50 SÉRIE 67 Características 67.22-4300 67.23-4300 Montagem em circuito (abertura 3 mm) 50 Relé de potência para PCI Versões com 2 e 3 contatos N, com dupla abertura

Leia mais

1 contato NA Montagem em trilho 35 mm Largura do módulo 17.5 mm. 3000 1000 fluorescente com reator eletrônico W 1000 350 CFL W 600 300 LED 230 V W

1 contato NA Montagem em trilho 35 mm Largura do módulo 17.5 mm. 3000 1000 fluorescente com reator eletrônico W 1000 350 CFL W 600 300 LED 230 V W Série - Relé de impulso eletrônico e modular monoestável 10-16 A SÉRIE Características.81.91.81 - Relé de impulso eletrônico silencioso Montagem em trilho 35 mm - 1 contato.91 - Relé de impulso eletrônico

Leia mais

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Relés de Sobrecarga Térmico Linha RW

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Relés de Sobrecarga Térmico Linha RW Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas Relés de Sobrecarga Térmico Linha RW Relés de Sobrecarga Térmico RW Informações Gerais - Local para identificação - Tecla Reset + Multifunção

Leia mais

Catalogo Técnico. Disjuntor Motor BDM-NG

Catalogo Técnico. Disjuntor Motor BDM-NG Catalogo Técnico Disjuntor Motor BDM-NG Disjuntores-Motor BDM-NG Generalidade: O disjuntor-motor BDM-NG,Tripolar, são termomagnéticos compactos e limitadores de corrente. Ideal para o comando e a proteção

Leia mais

Contatos em AgNi, para comutação de cargas resistivas ou levemente indutivas, como cargas de motores

Contatos em AgNi, para comutação de cargas resistivas ou levemente indutivas, como cargas de motores Características 22.32.0.xxx.1xx0 Série 22 - Contator modular 25 A 22.32.0.xxx.4xx0 Mini contator modular de 25A - 2 contatos Largura do módulo, 17.5 mm Contatos NA com abertura 3mm com dupla abertura Energização

Leia mais

Relés Temporizadores RTW

Relés Temporizadores RTW Relés Temporizadores RTW 5 Funções de 6 Faixas de, de 0,s a 0min Circuito Eletrônico com elevada precisão e imunidade a ruídos Compacto, com 22,5 mm de largura, montado sobre trilho ou com parafuso Indicação

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES Indicador Microprocessado - IT-IND-2S-LC INFORMAÇÕES DO PRODUTO. Versão: 1.xx / Rev. 03

MANUAL DE INSTRUÇÕES Indicador Microprocessado - IT-IND-2S-LC INFORMAÇÕES DO PRODUTO. Versão: 1.xx / Rev. 03 1 Introdução: Os indicadores possuem uma entrada analógica configurável por software, que permite a conexão de diverstos tipos de sensores de temperatura e outras grandezas elétricas sem a necessidade

Leia mais

Contatores Contatores são dispositivos de manobra mecânica, eletromagneticamente, construídos para uma elevada freguência de operação.

Contatores Contatores são dispositivos de manobra mecânica, eletromagneticamente, construídos para uma elevada freguência de operação. Contatores Contatores são dispositivos de manobra mecânica, eletromagneticamente, construídos para uma elevada freguência de operação. De acordo com a potência (carga), o contator é um dispositivo de comando

Leia mais

22.32.0.xxx.1xx0 22.32.0.xxx.4xx0. Contatos em AgNi, para comutação de cargas resistivas ou levemente indutivas, como cargas de motores

22.32.0.xxx.1xx0 22.32.0.xxx.4xx0. Contatos em AgNi, para comutação de cargas resistivas ou levemente indutivas, como cargas de motores Série 22 - Contator modular 25-40 - 63 A SÉRIE 22 Características 22.32.0.xxx.1xx0 22.32.0.xxx.4xx0 Contator modular de 25A - 2 contatos argura do módulo, 17.5 mm Contatos NA com abertura 3mm com dupla

Leia mais

COMPONENTES. Chave sem carga para o tipo de Título Instalação fixa SW

COMPONENTES. Chave sem carga para o tipo de Título Instalação fixa SW COMPONENTES Chave sem carga para o tipo de Título Instalação fixa SW Informações gerais A chave SW sem carga é uma gama completa projetada para cobrir todas as aplicações a serem cumpridas em subestações

Leia mais

2. APLICAÇÃO Ignição por centelhamento elétrico para queimadores a gás.

2. APLICAÇÃO Ignição por centelhamento elétrico para queimadores a gás. PRODUTO: ACS-TE-1-C4 FOLHA TÉCNICA 1/7 1. CERTIFICAÇÕES DA SELCON 2. APLICAÇÃO Ignição por centelhamento elétrico para queimadores a gás. IMPORTANTE: Este transformador de ignição está sendo substituído

Leia mais

SENSORES INDUTIVOS. Standard NAMUR

SENSORES INDUTIVOS. Standard NAMUR SENSORES INDUTIVOS Standard Linha Standard Características Técnicas PS1-6,5-25-N-L PS2-6,5-25-N-L PS1-8GI25-N-L PS2-8GI25-N-L (Normal DIN 19324) 6,5 / 8 Corrente Contínua Namur Cabo Desenho 1 2 3 4 Distância

Leia mais

Boletim Técnico Agosto / 2011

Boletim Técnico Agosto / 2011 Página 01/08 TÍTULO: INFORMATIVO DO NOVO CONTROLE REMOTO COM FIO PARA UNIDADES SPLITÃO 2 ESTÁGIOS SUMÁRIO Esta publicação visa informar o novo controle remoto com fio para as Unidades da Linha Splitão

Leia mais

Contatos em AgNi, para comutação de cargas resistivas ou levemente indutivas, como cargas de motores. 2000 fluorescente compacta (CFL) W

Contatos em AgNi, para comutação de cargas resistivas ou levemente indutivas, como cargas de motores. 2000 fluorescente compacta (CFL) W Características 22.32.0.xxx.1xx0 Série 22 - Contator modular 25 A 22.32.0.xxx.4xx0 Contator modular de 25A - 2 contatos Largura do módulo, 17.5 mm Contatos NA com abertura 3mm com dupla abertura Energização

Leia mais

46.52 46.61. 2 reversíveis, 8 A Plug-in/terminais a solda. 2 reversíveis 8/15 250/440 2000 350 0.37. AgNi

46.52 46.61. 2 reversíveis, 8 A Plug-in/terminais a solda. 2 reversíveis 8/15 250/440 2000 350 0.37. AgNi Série - Mini relé industrial 8-16 SÉRIE Características.52.61 1 ou 2 contatos.52-2 contatos reversíveis 8.61-1 contato reversível 16 Montado diretamente em base ou via conectores Faston Bobinas em C ou

Leia mais

Instruções de Operação. Sistema de avaliação para sensores de fluxo VS3000

Instruções de Operação. Sistema de avaliação para sensores de fluxo VS3000 Instruções de Operação Sistema de avaliação para sensores de fluxo VS3000 Conteúdo Instruções de segurança... pág. 03 Função e características... pág. 04 Montagem... pág. 04 Conexão elétrica... pág. 05

Leia mais

INFORMATIVO DE PRODUTO

INFORMATIVO DE PRODUTO Temporizador Automático / Relógio Programador de Horário Para Acionamento Automático de Sirenes e Outros Equipamentos Código: AFKITPROG 2 O REGISTRADOR ELETRÔNICO DE PONTO REP O Relógio Acionador Automático

Leia mais

Disjuntores-Motor BDM-G. Dados Técnicos Características Gerais. Posições das teclas

Disjuntores-Motor BDM-G. Dados Técnicos Características Gerais. Posições das teclas Disjuntores-Motor BDM-G Generalidade: O disjuntor-motor BDM-G,Tripolar, são termomagnéticos compactos e limitadores de corrente. Ideal para o comando e a proteção dos motores. Possuem alta capacidade de

Leia mais

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Automação Contatores para Manobra de Capacitores

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Automação Contatores para Manobra de Capacitores Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas Automação Contatores para Manobra de Capacitores Manobras de Capacitores para Correção do Fator de Potência A linha de contatores especiais CWMC

Leia mais

FX3 - A3R -P SENSORES PARA FIBRA ÓPTICA. Chave de código: FX / FZ

FX3 - A3R -P SENSORES PARA FIBRA ÓPTICA. Chave de código: FX / FZ SENSORES PARA FIBRA ÓPTICA FX / FZ Sensores para fibra óptica série FX Todos os modelos microprocessados. Alta repetibilidade e precisão. Indicação da quantidade de luz recebida através de display 4 dígitos

Leia mais

Proteção ao circuitos elétricos Baixo custo Conformidade IEC 60947-2

Proteção ao circuitos elétricos Baixo custo Conformidade IEC 60947-2 Proteção ao circuitos elétricos Baixo custo Conformidade IEC 60947-2 Disjuntores FM101 - Linha de Disjuntores em Caixa moldada Disjuntores FM101 - Linha de Disjuntores em Caixa moldada Os disjuntores FM

Leia mais

DISTRIBUIDOR - REPRESENTANTE

DISTRIBUIDOR - REPRESENTANTE PRODUTO: CHM-T- C-P FOLHA TÉCNICA 1/10 1. CERTIFICAÇÕES DA SELCON 2. APLICAÇÃO O sistema de comprovação de estanqueidade é aplicado de modo a possibilitar a identificação da ocorrência de vazamento de

Leia mais

Mini-Disjuntores. GE Industrial Solutions. GE imagination at work. Aplicações comerciais e industriais Norma IEC (0,5-125A) GE Consumer & Industrial

Mini-Disjuntores. GE Industrial Solutions. GE imagination at work. Aplicações comerciais e industriais Norma IEC (0,5-125A) GE Consumer & Industrial GE Consumer & Industrial GE Industrial Solutions Produzidos no Brasil Séries G5 e G0 MiniDisjuntores Aplicações comerciais e industriais Norma IEC (0,5 A) GE imagination at work 2 1 Parte externa, termoplástica

Leia mais

CONVERSOR PARA TERMOPAR TRM-270T

CONVERSOR PARA TERMOPAR TRM-270T CONVERSOR PARA TERMOPAR TRM-270T Introdução Obrigado por ter escolhido nosso CONVERSOR PARA TERMOPAR TRM-270T. Para garantir o uso correto e eficiente do TRM-270T, leia este manual completo e atentamente

Leia mais

Temporizador NT240. TEMPORIZADOR PROGRAMÁVEL - MANUAL DE INSTRUÇÕES V2.0x A INTRODUÇÃO ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS SAÍDAS DO TEMPORIZADOR

Temporizador NT240. TEMPORIZADOR PROGRAMÁVEL - MANUAL DE INSTRUÇÕES V2.0x A INTRODUÇÃO ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS SAÍDAS DO TEMPORIZADOR TEMPORIZADOR PROGRAMÁVEL - MANUAL DE INSTRUÇÕES V2.0x A INTRODUÇÃO O temporizador programável tem como função básica monitorar o tempo e acionar sua saída de acordo com programação previamente realizada

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO Renz Multimedidor MGG-92 ÍNDICE 1.0 INTRODUÇÃO 3 1.1 Aplicação 2.0 CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS 2.1 Mecânicas 2.2 Elétricas 2.3 Grandezas Elétricas medidas e/ou calculadas 3.0

Leia mais

Chaves 3 KU Seccionadoras e Comutadoras

Chaves 3 KU Seccionadoras e Comutadoras haves 3 KU Seccionadoras e omutadoras haves Seccionadoras e omutadoras Seccionadoras s chaves Seccionadoras E tipo 3KU1, para cargas de 12 a 1000 em 00 Vca 0- Hz, são apropriadas para uso como chaves gerais

Leia mais

CR20PW. Manual do Usuário

CR20PW. Manual do Usuário CR20PW Manual do Usuário R Índice Termostato eletrônico com saída controlada CR20PW... 3 Descrição Geral... 3 Características Técnicas... 3 Modo de Operação... 4 Programação... 4 Esquema de ligações...

Leia mais

Descrição do Produto. Dados para Compra. Itens Integrantes. Código do Produto

Descrição do Produto. Dados para Compra. Itens Integrantes. Código do Produto Descrição do Produto A Série Energy da Altus traz uma solução confiável para um dos pontos mais críticos em uma aplicação industrial: o fornecimento de alimentação para todos os dispositivos do sistema

Leia mais

Curso Técnico de Eletrotécnica Disciplina: Prática de Acionamentos Elétricos I Prof. Epaminondas de Souza Lage

Curso Técnico de Eletrotécnica Disciplina: Prática de Acionamentos Elétricos I Prof. Epaminondas de Souza Lage Introdução Vamos observar a tacada na bola A com o objetivo de atingir a bola B. A bola B será tocada pela bola A com um certo retardo de tempo, que dependerá da força colocada sobre a bola A. O retardo

Leia mais

Chaves posicionadoras eletromecânicas múltiplas e simples

Chaves posicionadoras eletromecânicas múltiplas e simples e Conteúdo. 00 conf. DIN 43697.4 6.6 6.8 7.0 46. 40 eletromecânicas.4 F 60 conf. DIN 43693.6 99 00 s s múltiplas 00 6 6 7 46 40 s s F 60 99 00 Acessórios Peças de reposição. múltiplas conf. DIN 43697 para

Leia mais

RELÉ DE TEMPO LK-RT. Página 1 RELÉ DE TEMPO LK-RT

RELÉ DE TEMPO LK-RT. Página 1 RELÉ DE TEMPO LK-RT RELÉ DE TEMPO LK-RT RELÉ DE TEMPO LK-RT APLICAÇÃO : Ampla gama de aplicações, exemplos: empacotadoras. bombas. motores elétricos, sistema de ar-condiciona do, linhas de produção e automação em geral. OPERAÇÃO

Leia mais

Mini Aquecedor série SEC 016 8W, 10W, 13W

Mini Aquecedor série SEC 016 8W, 10W, 13W Mini Aquecedor série SEC 016 8W, 10W, 13W Limitador de temperatura Ampla faixa de alimentação Aquecimento dinâmico Economia de energia elétrica Compacto Aquecedor para aplicação em invólucros de pequeno

Leia mais

Descrição Geral...4 Especificações Técnicas...5 2.1 Características Funcionais...5 2.2 Características Ambientais...5 3 Instalação...6 3.

Descrição Geral...4 Especificações Técnicas...5 2.1 Características Funcionais...5 2.2 Características Ambientais...5 3 Instalação...6 3. Manual do Equipamento ME-035_Rev02-AS-0001 AS-0001 Conversor de sinais FO TTL SUMÁRIO 1 2 Descrição Geral...4 Especificações Técnicas...5 2.1 Características Funcionais...5 2.2 Características Ambientais...5

Leia mais

RELÉ DE ESTADO SÓLIDO MONOFÁSICO

RELÉ DE ESTADO SÓLIDO MONOFÁSICO RELÉ DE ESTADO SÓLIDO MONOFÁSICO CARACTERÍSTICAS Relés de estado sólido para correntes de acionamento de 10 a 100 Amp. Acionamento zero volt ou instantâneo (randômico). Tensão de trabalho de 40 a 480 Vca.

Leia mais

INDICADOR DE VELOCIDADE / TACÔMETRO DIGITAL modelo UW1200

INDICADOR DE VELOCIDADE / TACÔMETRO DIGITAL modelo UW1200 B17 7000 002 REV. 6 06/11 1/8 12.00 48 x 96 mm INDICADOR DE VELOCIDADE / TACÔMETRO DIGITAL modelo UW1200 Manual de Instruções (Junho/2011) Manual de Instruções - UW1200 1 / 8 ÍNDICE 1 - DESCRIÇÃO GERAL...

Leia mais

CONTROLADOR DE TEMPERATURA DIGITAL MICROPROCESSADO XMT-904L

CONTROLADOR DE TEMPERATURA DIGITAL MICROPROCESSADO XMT-904L CONTROLADOR DE TEMPERATURA DIGITAL MICROPROCESSADO XMT-94L 1-CARACTERISTICAS PRINCIPAIS Alimentação 1 ~24Vca. 2 Display LED de alto brilho de 4 dígitos cada. Multi-entrada : Termopar, termoresistência,

Leia mais

CORREÇÃO DO FATOR DE POTÊNCIA

CORREÇÃO DO FATOR DE POTÊNCIA CORREÇÃO DO FATOR DE POTÊNCIA TECNOLOGIA, QUALIDADE E ENERGIA A SERVIÇO DA ECONOMIA. Engelétrica Indústria, Comércio e Serviços Elétricos Ltda. Rua Xavier da Rocha, 10 Vila Prudente São Paulo - CEP: 03139-070

Leia mais

Quadros de distribuição de energia elétrica

Quadros de distribuição de energia elétrica Catálogo Técnico Quadros de distribuição de energia elétrica de embutir de sobrepor 206-01/2009-0 Quadros de distribuição de energia elétrica Linha Luxury ÍNDICE Características técnicas...2 Acessórios...4

Leia mais

Serie FKR-D-BR-60 D A 355 a 630 Serie FKR-D-BR-45 D A 200 a 315. TROX DO BRASIL LTDA. Fone: (11) 3037-3900 Fax: (11) 3037-3910

Serie FKR-D-BR-60 D A 355 a 630 Serie FKR-D-BR-45 D A 200 a 315. TROX DO BRASIL LTDA. Fone: (11) 3037-3900 Fax: (11) 3037-3910 4/1.3/BR/1 Damper Corta Fogo Serie FKR-D-BR-60 D A 355 a 630 Serie FKR-D-BR-45 D A 200 a 315 Testado no Instituto de Pesquisas Tecnológicas IPT - São Paulo Conforme a Norma NBR 6479/1992 Vedação da aleta

Leia mais

30.22. Baixo consumo Contatos dourados Montagem em circuito impresso 0.8. Vista lado cobre. 2 reversíveis 2/3 125/250 125 25

30.22. Baixo consumo Contatos dourados Montagem em circuito impresso 0.8. Vista lado cobre. 2 reversíveis 2/3 125/250 125 25 Série 30 - Relé miniatura Dual in Line A Características 30. Montagem em circuito impresso A para comutação de sinais contatos reversíveis para comutação de baixas cargas Relé miniatura para padrão industrial

Leia mais

COMPONENTES. Contatores de potência Tipo BMS09.08 / 18.08

COMPONENTES. Contatores de potência Tipo BMS09.08 / 18.08 COMPONENTES Contatores de potência Tipo 09.08 / 18.08 Informações gerais O contator, com mais de cem mil unidades em operação em todo o mundo, é um contator valorizado pelos construtores de vagões e operadores

Leia mais

CONTROLE DE SIMULTANEIDADE MOD.: MRS-MP/WG4 Manual de Instruções 1.0 - DESCRIÇÃO: O controle de Simultaneidade MRS-MP/WG4 destina-se a aplicações em

CONTROLE DE SIMULTANEIDADE MOD.: MRS-MP/WG4 Manual de Instruções 1.0 - DESCRIÇÃO: O controle de Simultaneidade MRS-MP/WG4 destina-se a aplicações em CONTROLE DE SIMULTANEIDADE MOD.: MRS-MP/WG4 Manual de Instruções 1.0 - DESCRIÇÃO: O controle de Simultaneidade MRS-MP/WG4 destina-se a aplicações em sistemas de segurança bi-manuais, garantindo basicamente

Leia mais

CONDICIONADORES DE SINAIS

CONDICIONADORES DE SINAIS Condicionadores de Sinais de Montagem em Trilho DIN A/IN A/OUT Série DRG-SC U Modelos disponíveis para termopares, RTDs, tensão e corrente CC, frequência, ponte do sensor de deformação/tensão, tensão e

Leia mais

Mini-Disjuntores. MSA CONTROL Indústria Elétrica Ltda. Rua Iapó 334 - Casa Verde - São Paulo - SP - CEP:02512.02

Mini-Disjuntores. MSA CONTROL Indústria Elétrica Ltda. Rua Iapó 334 - Casa Verde - São Paulo - SP - CEP:02512.02 GE Consumer & Industrial GE Energy Management Industrial Solutions MSA CONTROL () 397 comercial@msacontrol.com.br Produzidos no Brasil s GE30/G5/G0 MiniDisjuntores Norma IEC (0,5 A) MSA CONTROL Indústria

Leia mais

MVB06G Sensor de Vibração de 3 eixos, com Relés de Estado Sólido

MVB06G Sensor de Vibração de 3 eixos, com Relés de Estado Sólido MVB06G Sensor de Vibração de 3 eixos, com Relés de Estado Sólido 1) DESCRIÇÃO O MVB06G é um Sensor de Vibração desenvolvido com Tecnologia Micromachine (MEM s), apresentando alta precisão e confiabilidade.

Leia mais

Micro Controladores Programáveis

Micro Controladores Programáveis Micro Controladores Programáveis Transformando energia em soluções Os Micro Controladores Programáveis linha Clic WEG, caracterizam-se pelo seu tamanho compacto, fácil programação e excelente custo-benefício.

Leia mais

INDICADOR DE POSIÇÃO DE TAP DIGITAL - IPTE

INDICADOR DE POSIÇÃO DE TAP DIGITAL - IPTE Catálogo Técnico INDICADOR DE POSIÇÃO DE TAP DIGITAL - IPTE CATÁLOGO TÉCNICO ÍNDICE CATÁLOGO TÉCNICO... 1 INTRODUÇÃO... 2 PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS... 2 DADOS TÉCNICOS... 3 ENSAIOS DE TIPO REALIZADOS...

Leia mais

POWERTRANS ELETRÔNICA INDUSTRIAL Manual Técnico de Instalação e Operação POWERBLOCK MASTER MONOFÁSICO

POWERTRANS ELETRÔNICA INDUSTRIAL Manual Técnico de Instalação e Operação POWERBLOCK MASTER MONOFÁSICO POWERTRANS Eletrônica Industrial Ltda. Rua Ribeiro do Amaral, 83 Ipiranga SP - Fone/Fax: (11) 2063-9001 E-mail: powertrans@powertrans.com.br Site: www.powertrans.com.br Manual Técnico de Instalação e Operação

Leia mais

LX - 101 - P - Z LS - 401P - C2 LS - H91F - A SENSOR PARA FIBRA OPTICA SENSOR DE MARCA / CORES SENSOR A LASER. Sensor de marca série LX-101

LX - 101 - P - Z LS - 401P - C2 LS - H91F - A SENSOR PARA FIBRA OPTICA SENSOR DE MARCA / CORES SENSOR A LASER. Sensor de marca série LX-101 SENSOR PARA FIBRA OPTICA SENSOR DE MARCA / CORES LX 100 LX SENSOR A LASER 100 Sensor de marca série LX101 Sensor de marca de alta resolução. Detecta qualquer cor marca pois possui sistema RGB (combinação

Leia mais

MULTIMETRO DIGITAL Série DMK20 DMK50

MULTIMETRO DIGITAL Série DMK20 DMK50 MULTIMETRO DIGITAL Série DMK20 DMK50 MANUAL TÉCNICO DE INSTALAÇÃO Manual DMK20 DMK50 rev01-04 1 / 1 8/10/2004 1. INTRODUÇÃO Dimensões compactas 96x96 mm 4 displays a LED Simplicidade na instalação e programação

Leia mais

PRODUTOS SERIADOS. ME30 infobox

PRODUTOS SERIADOS. ME30 infobox PRODUTOS SERIADOS ME30 infobox SISTEMA DE PROCESSAMENTO DE SINAIS Adquirir, processar e visualizar de 8 a 40 alarmes ou indicadores de estado Funções de alarme configuráveis Anunciadores com possibilidade

Leia mais

Medição, Controle e Monitoramento de Processos Industriais. Manual de Instruções Contador Digital Microprocessado K204. Versão 1.XX / Rev.

Medição, Controle e Monitoramento de Processos Industriais. Manual de Instruções Contador Digital Microprocessado K204. Versão 1.XX / Rev. Medição, Controle e Monitoramento de Processos Industriais Manual de Instruções Contador Digital Microprocessado K204 Versão 1.XX / Rev. 1 Índice Item Página 1. Introdução...02 2. Características...02

Leia mais

PLANILHA DE PROPOSTA

PLANILHA DE PROPOSTA 0001 012186 INVERSOR DE FREQUENCIA 144 AMPERES / 220 VCA Inversor de freqüência para aplicação em motor elétrico trifásico com corrente nominal de serviço 140A, tensão nominal 220V, temperatura de funcionamento

Leia mais

Automação Relés Eletrônicos

Automação Relés Eletrônicos Automação Relés Eletrônicos RTW - Temporizador RPW - Protetor RNW - Controle de nível Motores Automação Eneria Transmissão & Distribuição Tintas www.we.net Relés Eletrônicos Projetados de acordo com as

Leia mais

LINHA ILUS Interruptores e tomadas

LINHA ILUS Interruptores e tomadas LINHA ILUS Interruptores e tomadas IDEIA VISUAL O design que você quer. A qualidade que você precisa! Você pediu a Siemens fez A qualidade e a segurança associada à marca Siemens está presente na nova

Leia mais

CONTROLADORES MICROPROCESSADOS PARA QUEIMADORES

CONTROLADORES MICROPROCESSADOS PARA QUEIMADORES CONTROLADORES MICROPROCESSADOS PARA QUEIMADORES SMS-41 Os controladores microprocessados com programador de chama SMS-41 e SMS-42 foram projetados pela DIGIMEC para COMANDAR A IGNIÇÃO E MONI- TORAÇÃO DE

Leia mais