Manual de instalação, operação e manutenção. Bomba centrífuga CS

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Manual de instalação, operação e manutenção. Bomba centrífuga CS"

Transcrição

1 Manual de instalação, operação e manutenção Bomba centrífuga CS

2 .Segurança. Informação Importante.2 Sinais de Aviso Este manual salienta os procedimentos incorretos e outras informações importantes. Os avisos são evidenciados através de sinais especiais. Consulte sempre o manual antes de utilizar a bomba! AVISO! Indica que deve seguir procedimentos especiais para evitar a ocorrência de ferimentos graves. CUIDADO! Indica que deve seguir procedimentos especiais para não danificar a bomba. Nota! Indica informação importante para simplificar ou esclarecer procedimentos. Aviso geral. Tensão perigosa. Agentes cáusticos. edição

3 .3 Precauções de Segurança.Segurança Todos os avisos do manual estão sintetizados nesta página. Tome especial atenção às instruções que se seguem para evitar a ocorrência de ferimentos graves e/ou de danos na própria bomba. Instalação: Leia sempre as especificações técnicas com máxima atenção. Utilize sempre uma grua ao movimentar a bomba. Nunca ligue a bomba no sentido de rotação errado enquanto existir líquido na mesma. Certifique-se sempre de que a ligação elétrica da bomba é efetuada por pessoal autorizado. Consulte as instruções do motor. Operação: Leia sempre as especificações técnicas com máxima atenção. Nunca toque na bomba ou nas tubulações ao bombear líquidos a alta temperatura ou ao proceder à esterilização. Nunca ponha a bomba em funcionamento com o lado de aspiração e o lado de pressão bloqueados. Manuseie sempre com muito cuidado lixívias e ácidos. Manutenção: Leia sempre as especificações técnicas com máxima atenção. - Nunca proceda à manutenção da bomba enquanto esta estiver quente. - Nunca proceda à manutenção da bomba enquanto esta e as tubagens estiverem sob pressão. Motores com copos de lubrificação: Proceda à lubrificação em conformidade com a placa/etiqueta de informações existente no motor. Interrompa sempre o abastecimento de corrente à manutenção da bomba. 6 edição 2009

4 2.Instalação 2. Verificação Prévia 2.2 Instalação Estude as instruções cuidadosamente, tomando especial atenção aos avisos! A bomba CS é fornecida de série com um parafuso do rotor. Verifique sempre o sentido da rotação do rotor, antes de pôr a bomba em funcionamento. - Consulte as indicações na etiqueta da bomba. Passo Consulte as indicações na etiqueta! Nunca ligue a bomba no sentido de rotação errado enquanto existir líquido na mesma.. Arranque e pare o motor momentaneamente. 2. Certifique-se de que o sentido de rotação do ventilador do motor é no sentido dos ponteiros do relógio, visto da extremidade posterior do motor. Corrija Vista traseira do motor Instalação Ao receber o equipamento, verifique todas as partes e envelopes, comunicando ao transportador qualquer dano que possa ter ocorrido durante o transporte. Deve-se instalar a bomba o mais próximo possível do local onde se encontra o líquido a ser bombeado e em posição onde a tubulação de sucção seja curta e direta com um número mínimo de curvas e conexões. A bomba deverá ficar em lugar de fácil acesso para inspeção de limpeza e reparos. A tubulação de descarga poderá ser montada em qualquer posição em ângulo de 360º relativo à entrada da bomba, bastando para isso posicionar a carcaça da bomba. O conjunto bomba/motor é montado sobre uma base com pés reguláveis, possibilitando instalação e nivelamento simples, o que deverá ser feito para evitar problemas de esforço e desgaste prematuro de peças. edição

5 2.3 Notas sobre as tubulações 2.4 Tubulação de Sucção 2.Instalação Notas sobre as tubulações Estas observações servem de orientação para que você obtenha a máxima eficiência e melhores resultados com sua bomba. As tubulações devem ser suportadas independentemente, tanto do bocal de entrada como do bocal de saída da bomba. Deve-se tomar cuidado para que a tubulação esteja devidamente alinhada, não forçando a carcaça da bomba. A tubulação deverá ter a mínima quantidade de curvas. Tubulação de Sucção A tubulação de sucção deve ser pequena e seguir uma linha reta com um número mínimo de curvas e conexões. Não devem ser utilizadas curvas na entrada da sucção, pois a fricção seria aumentada, gerando perda de carga. Perdas de carga muito grandes na linha da sucção podem resultar em cavitação da bomba, causando mau rendimento, ruído, vibração, danos no equipamento e no produto. O diâmetro da tubulação de sucção deve ser escolhido de forma que a velocidade do fluido seja inferior a 2m/s. No caso do diâmetro da tubulação de sucção ser maior que a conexão de entrada da bomba, deve ser usada uma redução excêntrica, para evitar a formação de bolhas de ar que prejudicarão a sua eficiência. O tubo de sucção horizontal deve ter um caimento da saída do tanque para a entrada da bomba e deverá passar por baixo das outras tubulações de interferência, pois um ponto alto na linha de sucção formará bolsas de ar, o que irá provocar mau funcionamento da bomba. Todas as uniões na linha da sucção não poderão apresentar entrada de ar, o que poderá reduzir a eficiência da bomba. 8 edição 2009

6 2.Instalação 2.5 Tubulação de Descarga 2.6 Colocação de Válvulas Tubulação de Descarga A posição da descarga da bomba é indiferente, horizontal ou vertical, porém a tubulação deverá ser de preferência curta e direta com um número mínimo de curvas e conexões. Deve ser evitado o uso de curvas na saída da descarga, pois a pressão manométrica poderá ser aumentada, resultando em perda de carga. O uso de uma tubulação de descarga de diâmetro maior do que o recomendado deverá reduzir a pressão manométrica da bomba aumentando a vazão da mesma, o que pode causar vibração, cavitação e possibilidade de danos ao equipamento, bem como sobrecarga no motor. O uso de uma tubulação de descarga de diâmetro menor do que o recomendado aumentará a pressão manométrica da bomba, mas não diminuirá a vazão. Colocação de Válvulas A bomba centrífuga poderá em alguns casos succionar o líquido de um ponto abaixo do nível onde está instalada, desde que o NPSH do sistema seja menor que o NPSH requerido pela bomba. Neste caso, deve-se colocar uma válvula de pé para manter a tubulação de sucção e a carcaça da bomba afogadas (cheias de líquido) ou enchê-las antes do início da operação. Deve-se ainda colocar uma válvula na tubulação de descarga que mantenha a vazão sempre uniforme. edição

7 3. Desmontagem Selo Simples 3.Manutenção Desmontagem para limpeza e manutenção É necessário desmontar partes de sua bomba centrífuga para limpeza e sanitização, caso a instalação não possua C.I.P..Para qualquer desmontagem da bomba deve-se soltar a tubulação de sucção e descarga. Para desmontagem, após desligadas as tubulações de sucção e descarga deve-se girar a borboleta de aperto da abraçadeira que prende a carcaça até esta ficar solta. 2. Abraçadeira 2. Carcaça Abra a abraçadeira e remova a carcaça e o anel de vedação da mesma. Retire o parafuso que fixa o rotor girando-o no sentido anti-horário. Remova o anel de vedação do rotor e gire o rotor no sentido anti-horário retirando-o do eixo. 2. Anel de Vedação 2. Rotor 3. Anel de Vedação Rotor 4. Parafuso Fixar Rotor 3 4 A seguir gire o encosto a fim de libertá-lo dos pinos existentes no adaptador. Obs.: Caso o encosto não esteja preso a estes pinos, não há problema. Os pinos servem de guia para a montagem. Após a bomba montada, o anel de vedação da carcaça impedirá qualquer funcionamento incorreto, prendendo o encosto ao adaptador através da carcaça. Utilizam-se selos simples em aplicações normais de temperatura e pressão. O selo com bico de refrigeração pode ser usado em operações com vácuo de até 500 mm de Hg e temperatura máxima de 00ºC. (Consumo de água 0,5 l/h).. Pino adaptador 2. Parafuso L do encosto 2 0 edição 2009

8 3.Manutenção 3. Desmontagem Selo Simples 3.2 Desmontagem Selo Duplo O selo com bico de refrigeração pode ser usado em operações com vácuo de até 500 mm de Hg e temperatura máxima de 00ºC. (Consumo de água 0,5 l/h). CUIDADO: Proteja a superfície de vedação do encosto (onde o carvão desliza) contra sujeira e arranhões durante o tempo em que o mesmo estiver desmontado. Caso a mesma esteja com riscos ou arranhões, esta deverá ser lapidada. Retire o anel de carvão, anel O Ring. o copo e a mola, deixando a bomba parcialmente desmontada.. Mola 2. Copo 3. Anel de Vedação do Selo 2 3 Desmontagem Selo Duplo As bombas com selo duplo e refrigeração através da caixa do selo são usadas em operações com vácuo acima de 500mm de Hg e temperaturas superiores a 00ºC são comumente usadas para suspensões, produtos pegajosos, produtos viscosos e similares (consumo de água 36 l/h). As bombas com selo duplo devem ser desmontadas como as demais e, após retirado o rotor, desliza-se o conjunto, encosto e caixa do selo para fora do eixo. Soltam-se os parafusos que prendem a caixa do selo ao encosto desmontando os dois anéis de carvão, dois copos e a mola. edição 2009

9 3.3 Montagem Selo Simples 3.4 Montagem Selo Duplo 3.Manutenção Montagem Selo Simples Procede-se a montagem de maneira inversa à desmontagem, ou seja, encaixa-se o copo na mola tomando cuidado para que a mola fique com sua extremidade encostada no ressalto atrás do copo. Os rasgos existentes no copo devem encaixar no pino existente no eixo quando a mola estiver comprimida. Os rasgos do anel do carvão, já com o anel O Ring montado em seu interior, devem ser encaixados nos ressaltos do copo. Empurre o encosto contra o selo, girando-o até que este se encaixe nos pinos existentes no adaptador. Coloque o anel de vedação da carcaça, o rotor e, em seguida, posicione a mesma passando a seguir a abraçadeira e apertando-a. Após a bomba montada, gire o eixo e certifique-se de que o rotor gire livremente sem raspar na carcaça ou no encosto. Montagem Selo Duplo Para o selo duplo, monta-se o conjunto do selo e coloca-se o mesmo na caixa do selo, parafusando-se a caixa contra o encosto. As demais operações seguem-se da mesma maneira que as do modelo simples. Para a montagem do conjunto do selo procede-se a seguir: Monta-se o anel de carvão com anel O Ring em seu interior, o copo com os dentes encaixados nos detalhes do anel de carvão, a mola com a extremidade apoiada no entalhe do copo e para a outra extremidade segue-se a mesma montagem com o referido copo, anel de carvão e anel O Ring observando-se os respectivos encaixes. CUIDADO Após a montagem do selo duplo ou selo simples refrigerado com bico de refrigeração, não esqueça de ligar a conexão de água. No selo duplo ligue sempre na parte inferior da caixa do selo, para garantir a caixa sempre cheia com água. A pressão da água para refrigeração não deverá exceder kg/cm 2. Obs: O anel de carvão dos selos mecânicos deverão ser trocados quando o ressalto que desliza sobre o encosto da carcaça estiver totalmente gasto. 2 edição 2009

10 3.Manutenção 3.5 Troca do eixo da Bomba 3.6 Bomba Modelo CS - Revestida Troca do eixo da Bomba Para retirar o eixo, desmonte a bomba da mesma forma que é feita para a limpeza ou troca do anel de carvão. A seguir, retire o defletor nos modelos CS/4 e CS2/6 (carcaça 7 e 80) para os demais modelos retire os parafusos de fixação do anel de compressão. Solte os parafusos que prendem o adaptador ao motor, retirando-o. Obs.: Marque no eixo do motor a posição em que termina o eixo da bomba para que você possa, mais tarde, montá-lo exatamente no mesmo ponto. Solte os parafusos que prendem o eixo da bomba ao eixo do motor e, com uma barra ou chave de fenda, force a saída do eixo da bomba conforme a foto ao lado. Examine a superfície da ponta do eixo da bomba que não deve ter arranhões ou riscos que possam danificar a superfície de vedação do anel O Ring. Para a montagem, proceda de maneira inversa à desmontagem, tomando cuidado para encaixar os rasgos de chaveta nas posições corretas, evitando danos na ponta do eixo e defletor. Nunca bata ou esforce a ponta do eixo para montá-lo, pois você poderá danificá-lo.. Chave de fenda ou barra 2. Eixo da bomba 3. Parafuso Fixar Anel de Compressão 3 2 Bomba Modelo CS - Revestida Quando fornecidas com capa de proteção do motor, esta deve ser removida para limpeza ou ligação elétrica, bastanto para isso soltar os parafusos existentes nas laterais da barra de suporte.. Parafuso de Fixação da Capa edição

11 4. Operação/Controle 4.2 Resolução dos Problemas 4.Funcionamento Operação/Controle As bombas Alfa Laval são relativamente livres de manutenção. Entretanto, como em qualquer outra máquina, podem haver problemas ocasionais. O quadro a seguir mostra alguns desses possíveis problemas e suas correspondentes soluções. Tal quadro foi preparado tomando como base a correta instalação da bomba em função de sua aplicação. Problemas com cavitação, tais como operação barulhenta, descarga insuficiente e vibrações podem surgir quando a bomba não estiver em sua correta aplicação. Caso tais condições se fizerem presentes, verifique todo o sistema de tubulação e reavalie a aplicação. Resolução dos Problemas Problema - Não há descarga Causa provável a- Velocidade muito baixa b- Direção de rotação errada c- Válvulas fechadas d- Obstrução na tubulação de descarga Solução a- Ligação elétrica errada ou mau contato b- Inverta a rotação do motor mudando duas das três ligações elétricas do mesmo c - Abra as válvulas d - Desobstrua a tubulação de descarga 2 - Descarga insuficiente a- Velocidade muito baixa b- Direção de rotação errada c- Válvulas parcialmente fechadas ou obstrução na linha d- Rotor defeituoso a- Veja item a b- Veja item b c- Veja item c d- Troque o rotor 3 - Consumo excessivo de energia a- Velocidade muito elevada b- Rotor prendendo c- Eixo do motor curvando a- Enrolamento do motor errado trocar motor b- Alivie o peso sobre a carcaça ou troque o rotor se estiver defeituoso c- Alivie o peso sobre a carcaça ou troque o eixo se estiver defeituoso 4 - Bomba barulhenta a- Zumbido magnético no motor b- Rolamentos do motor quebrados c- Matéria estranha girando com o rotor d- Rotor preso a- Nivele a bomba b- Troque o rotor c- Preencha a tubulação de sucção e descarga d- Ajustar a folga entre o rotor e a carcaça 5 - Vibração excessiva a- Bomba não nivelada b- Rotor defeituoso c- Tubulação solta a- Nivele a bomba b- Troque o rotor c- Prenda a tubulação de sucção e descarga 6 - Bomba apresenta vazamentos a- Anel O Ring quebrado/ com defeito b- Anel de carvão quebrado c- Compressão insuficiente no encosto do selo d- Entrada ou saída danificadas e- Junta da carcaça gasta f - Abraçadeira solta a- Trocar anel O Ring b- Trocar anel de carvão c- Trocar mola d- Trocar carcaça e- Trocar junta f - Apertar 4 edição 2009

MANUAL DE SERVIÇO TÉCNICO

MANUAL DE SERVIÇO TÉCNICO MANUAL DE SERVIÇO TÉCNICO BOMBAS PARA USO GERAL SÉRIES 32 E 432 TAMANHOS C - F - FH SEÇÃO TSM 310.1 PÁGINA 1 DE 7 ASSUNTO D CONTEÚDO Introdução........................ 1 Informações especiais.................

Leia mais

DEFEITOS EM BOMBAS CENTRIFUGA E SOLUÇÕES

DEFEITOS EM BOMBAS CENTRIFUGA E SOLUÇÕES DEFEITOS EM BOMBAS CENTRIFUGA E SOLUÇÕES simples multiestágio BOMBEAMENTO INSUFICIENTE E NULO VAZÃO OU PRESSÃO NULAS OU INSUFICIENTE VÁLVULA PRESA OU ENTUPIDA ROTOR FURADO, ENTUPIDO OU COM DESGASTE EXECESSIVO

Leia mais

MASTER BSD 10-20/ BSD 10-25/ BSD 10-35

MASTER BSD 10-20/ BSD 10-25/ BSD 10-35 ANUAL DE INSTALAÇÃO DA BOBA ASTER BSD 10-20/ BSD 10-25/ BSD 10-35 SUÁRIO 1. AVISOS GERAIS DE SEGURANÇA 3 2. PERIGOS NO ABUSO DO EQUIPAENTO 3 3. LIITES DE TEPERATURAS 4 4. FUNCIONAENTO DA BOBA CO SELAGE

Leia mais

CSR/Instruções de inspeção para técnicos

CSR/Instruções de inspeção para técnicos INSTRUÇÕES DE INSPEÇÃO Escavadeiras CSR/Instruções de inspeção para técnicos Esta instrução é um recurso técnico informal. Para obter especificações e procedimentos corretos, refira-se sempre às instruções

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO BF CD3004 BF CC3004

MANUAL DO USUÁRIO BF CD3004 BF CC3004 MANUAL DO USUÁRIO BF CD3004 BF CC3004 BF CD3004 e BF CC3004 Câmera infravermelho Parabéns, por adquirir um produto Braforce. Todos os modelos produzem imagens coloridas quando o ambiente dispuser de iluminação

Leia mais

A manutenção preventiva é de suma importância para prolongar a vida útil da máquina e suas partes. Abaixo, algumas dicas de manutenção preventiva:

A manutenção preventiva é de suma importância para prolongar a vida útil da máquina e suas partes. Abaixo, algumas dicas de manutenção preventiva: Manutenção Preventiva e Corretiva de Rosqueadeiras Manual de Manutenção: Preventivo / Corretivo Preventivo: Toda máquina exige cuidados e manutenção preventiva. Sugerimos aos nossos clientes que treinem

Leia mais

Introdução... 1. Aplicação / Características... 2. Material / Acabamento... 3. Instalação / Cavitação / NPSH... 4. Manutenção / Limpeza...

Introdução... 1. Aplicação / Características... 2. Material / Acabamento... 3. Instalação / Cavitação / NPSH... 4. Manutenção / Limpeza... Índice Introdução... 1 Aplicação / Características... 2 Material / Acabamento... 3 Instalação / Cavitação / NPSH... 4 Manutenção / Limpeza... Tipos de Selos Mecânicos... 6 Composição dos Selos Mecânicos...

Leia mais

Create PDF with GO2PDF for free, if you wish to remove this line, click here to buy Virtual PDF Printer

Create PDF with GO2PDF for free, if you wish to remove this line, click here to buy Virtual PDF Printer MANUAL DE MANUTENÇÃO PREVENTIVA E CORRETIVA Finalidade deste Manual Este manual proporciona as informações necessárias para uma correta manutenção dos filtros Metalsinter, contendo também importantes informações

Leia mais

MANUAL DO PROPRIETÁRIO DO SolarPRO XF

MANUAL DO PROPRIETÁRIO DO SolarPRO XF MANUAL DO PROPRIETÁRIO DO SolarPRO XF MODELO SB 001 NORMAS DE SEGURANÇA IMPORTANTES Leia todas as instruções ANTES de montar e utilizar este produto. GUARDE ESTE MANUAL Seu Aquecedor de Piscina foi projetado

Leia mais

Manual de Instruções RETÍFICA RETA 1/4 AR 1214

Manual de Instruções RETÍFICA RETA 1/4 AR 1214 Manual de Instruções RETÍFICA RETA 1/4 AR 1214 ADVERTÊNCIA: Leia atentamente este manual antes de usar o produto. ÍNDICE SEÇÃO PÁGINA Introdução 3 Normas gerais de segurança 3 Normas especificas de segurança

Leia mais

2.2. Antes de iniciar uma perfuração examine se não há instalações elétricas e hidráulicas embutidas ou fontes inflamáveis.

2.2. Antes de iniciar uma perfuração examine se não há instalações elétricas e hidráulicas embutidas ou fontes inflamáveis. 1. Normas de segurança: Aviso! Quando utilizar ferramentas leia atentamente as instruções de segurança. 2. Instruções de segurança: 2.1. Aterramento: Aviso! Verifique se a tomada de força à ser utilizada

Leia mais

MANUAL DE SERVIÇO TÉCNICO

MANUAL DE SERVIÇO TÉCNICO MANUAL DE SERVIÇO TÉCNICO BOMBAS PARA SERVIÇO PESADO SÉRIES 4195 E 495 TAMANHOS G, GG, H, HJ, HL, AS, AK, AL SEÇÃO TSM 144 PÁGINA 1 de 10 ASSUNTO E CONTEÚDO Introdução........................ 1 Informações

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO BOMBAS DE ENGRENAGENS INTERNAS SÉRIE FBEI

MANUAL DE INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO BOMBAS DE ENGRENAGENS INTERNAS SÉRIE FBEI MANUAL DE INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO BOMBAS DE ENGRENAGENS INTERNAS SÉRIE FBEI CÓD: MAN001-10 REVISÃO: 00 27/09/2010 ÍNDICE INTRODUÇÃO...3 1. PRINCÍPIO DE FUNCIONAMENTO...6 2. IDENTIFICAÇÃO DO EQUIPAMENTO...6

Leia mais

AJUSTADORES AUTOMÁTICOS DE FREIO JUNHO 2012

AJUSTADORES AUTOMÁTICOS DE FREIO JUNHO 2012 AJUSTADORES AUTOMÁTICOS DE FREIO JUNHO 2012 Conheça o funcionamento, diagnóstico e reparo do ajustador de freio automático, um componente primordial para segurança, aplicado em veículos pesados. Que a

Leia mais

Bomba Circuladora SLX-PMP/6A. Manual do Usuário

Bomba Circuladora SLX-PMP/6A. Manual do Usuário Bomba Circuladora SLX-PMP/6A Manual do Usuário Manual do Usuário SOLX - Bomba Circuladora - SLX-PMP/6A Reservados os direitos de alteração sem prévio aviso. Versão 1 - outubro/2013 Permitida a reprodução

Leia mais

Manual do Usuário. Produto LUBE-SEAL. Versão: LUBE-SEAL Manual V1.0 Data: 13/10/2006 Escrito por: Marcelo da Silveira Petter Prada dos Santos

Manual do Usuário. Produto LUBE-SEAL. Versão: LUBE-SEAL Manual V1.0 Data: 13/10/2006 Escrito por: Marcelo da Silveira Petter Prada dos Santos Manual do Usuário Produto Versão: Manual V1.0 Data: 13/10/2006 Escrito por: Marcelo da Silveira Petter Prada dos Santos SUMÁRIO SUMÁRIO 2 1. TERMOS E CONVENÇÕES 4 2. INFORMAÇÕES GERAIS 5 2.1. Dados do

Leia mais

CATÁLOGO TÉCNICO COMPRESSOR - MSA 8.1/25 - WTA 8.1/25-1 ESTÁGIO - 116 psig CSA 8.5/25-1 ESTÁGIO - 120 psig

CATÁLOGO TÉCNICO COMPRESSOR - MSA 8.1/25 - WTA 8.1/25-1 ESTÁGIO - 116 psig CSA 8.5/25-1 ESTÁGIO - 120 psig CT MSA./2 WTA./2 CSA./2 CATÁLOGO TÉCNICO COMPRESSOR MSA./2 WTA./2 ESTÁGIO psig CSA./2 ESTÁGIO psig TÉRMINO DE COMERCIALIZAÇÃO ABRIL/ (PRODUTO 0% IMPORTADO) MSA./2 TÉRMINO DE FABRICAÇÃO NOVEMBRO/ WAYNE

Leia mais

CATÁLOGO TÉCNICO COMPRESSOR - MSV 6/50 - DENTAL SPLIT - 1 ESTÁGIO - 120 psig

CATÁLOGO TÉCNICO COMPRESSOR - MSV 6/50 - DENTAL SPLIT - 1 ESTÁGIO - 120 psig SCHULZ: INÍCIO DE FABRICAÇÃO - ABRIL/005 CATÁLOGO TÉCNICO COMPRESSOR - MSV 6/ - DENTAL SPLIT - 1 ESTÁGIO - 10 psig CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS ISENTO DE ÓLEO L C DESLOCAMENTO TEÓRICO pés /min PRESSÃO MÁX.

Leia mais

Motocicleta Elétrica para Crianças TF-840

Motocicleta Elétrica para Crianças TF-840 Motocicleta Elétrica para Crianças TF-840 Manual para Instalação e Operação Design de simulação de motocicleta Funções para frente e para trás Função de reprodução de música na parte frontal O produto

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO BF CD2004

MANUAL DO USUÁRIO BF CD2004 MANUAL DO USUÁRIO BF CD2004 BF CD2004 Câmera infravermelho Dome Parabéns, por adquirir um produto Braforce. Todos os modelos produzem imagens coloridas quando o ambiente dispuser de iluminação suficiente.

Leia mais

Aspectos de Segurança - Discos de Corte e Desbaste

Aspectos de Segurança - Discos de Corte e Desbaste Aspectos de Segurança - Discos de Corte e Desbaste Os discos de corte e desbaste são produzidos e controlados com rigor, sendo submetidos a testes internos que objetivam a reprodução da qualidade lote

Leia mais

Bomba injetora: todo cuidado é pouco

Bomba injetora: todo cuidado é pouco Bomba injetora: todo cuidado é pouco Bomba injetora: todo cuidado é pouco Veja como identificar os problemas da bomba injetora e retirá-la corretamente em casos de manutenção Carolina Vilanova A bomba

Leia mais

BOMBA CENTRÍFUGA SANITÁRIA

BOMBA CENTRÍFUGA SANITÁRIA BOMBA CENTRÍFUGA SANITÁRIA - Aplicação /Características As Bombas Centrifugas Sanitárias "METAL LIMPO", são aplicadas nas indústrias alimentícias, quimicas e farmacêuticas. Possuem projeto e construção

Leia mais

MANUAL DE USO E MANUTENÇÃO

MANUAL DE USO E MANUTENÇÃO MANUAL DE USO E MANUTENÇÃO Sumário INTRODUÇÃO... 3 SIMBOLOGIA UTILIZADA... 4 RECOMENDAÇÕES DE SEGURANÇA... 5 DESEMBALAGEM... 6 INSTALAÇÃO... 7 LIGAÇÃO ELÉTRICA... 8 FUNCIONAMENTO... 9 IDENTIFICAÇÃO DO

Leia mais

FUNCIONAMENTO FILTROS PRENSA - MS-CE

FUNCIONAMENTO FILTROS PRENSA - MS-CE MANUAL DE INSTALAÇÃO E FUNCIONAMENTO FILTROS PRENSA - MS-CE 1 - INTRODUÇÃO 1.1 - FINALIDADE DESTE MANUAL Este manual proporciona informações teóricas e de instalação, operação e manutenção dos filtros

Leia mais

ELEMENTOS DE VEDAÇÃO. Treinamento. Antenor Vicente

ELEMENTOS DE VEDAÇÃO. Treinamento. Antenor Vicente ELEMENTOS DE VEDAÇÃO Treinamento Antenor Vicente VEDAÇÃO PROCESSO USADO PARA IMPEDIR A PASSAGEM, DE MANEIRA ESTÁTICA OU DINÂMICA DE LÍQUIDOS, GASES E SÓLIDOS DE UM MEIO PARA OUTRO JUNTAS JUNTA É TODO MATERIAL

Leia mais

ÍNDICE INTRODUÇÃO. Obrigado por adquirir produtos Toyama.

ÍNDICE INTRODUÇÃO. Obrigado por adquirir produtos Toyama. INTRODUÇÃO ÍNDICE Obrigado por adquirir produtos Toyama. As aplicações das motobombas Toyama são diversas: Agricultura, indústrias, minas, empresas, construções, comunicação, cabeamento subterrâneo, manutenção

Leia mais

ZJ20U93 Montagem e Operacional

ZJ20U93 Montagem e Operacional www.zoje.com.br ZJ20U93 Montagem e Operacional ÍNDICE 1. Aplicação...2 2. Operação segura...2 3. Cuidados antes da operação...2 4. Lubrificação...2 5. Seleção da agulha e do fio...3 6. A Inserção da agulha...3

Leia mais

PRESSURIZADOR PL - 9 MANUAL DE INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO, FUNCIONAMENTO E GARANTIA. ATENDIMENTO AO CONSUMIDOR 0800 0 17 28 44 www.lorenzetti.com.

PRESSURIZADOR PL - 9 MANUAL DE INSTRUÇÕES DE INSTALAÇÃO, FUNCIONAMENTO E GARANTIA. ATENDIMENTO AO CONSUMIDOR 0800 0 17 28 44 www.lorenzetti.com. PRESSURIZADOR ATENDIMENTO AO CONSUMIDOR 0800 0 17 28 44 www.lorenzetti.com.br Lorenzetti S.A. Indústrias Brasileiras Eletrometalúrgicas Av. Presidente Wilson, 1230 - CEP 03107-901 Mooca - São Paulo - SP

Leia mais

BOMBA DE PRESSURIZAÇÃO PARA REDE HIDRÁULICA

BOMBA DE PRESSURIZAÇÃO PARA REDE HIDRÁULICA BOMBA DE PRESSURIZAÇÃO PARA REDE HIDRÁULICA (com fluxostato interno) MODELOS: BOMBA COM CORPO DE FERRO (revestimento cerâmico) RPHSBFP 11 (127V 120W) RPHSBFP 12 (220V 120W) MANUAL DO USUÁRIO SUMÁRIO INFORMAÇÕES

Leia mais

Manual de instruções

Manual de instruções Manual de instruções Compressores: TC24L-1 TC24L-2 Sumário 1.Introdução... 3 2.Instalação e preparação. Verifique:... 3 3.Liga/desliga... 3 4.Precauções... 4 5.Ajuste do interruptor de pressão.... 4 7.Guia

Leia mais

Thebe Bombas Hidráulicas Ltda.

Thebe Bombas Hidráulicas Ltda. Manual de Montagem com Motores a Combustão Bomba P-11/3 e P-11/4 (Multiestágio) 18 10 12 10 12 10 12 10 7 9 6 2 1 17 8 16 15 14 11 13 11 13 11 13 11 5 4 3 Descrição de Peças 1 Arruela traseira P-11 2 Paraf.

Leia mais

Servoacionamento série CuiDADoS E PrECAuÇÕES

Servoacionamento série CuiDADoS E PrECAuÇÕES A U T O M A Ç Ã O Servoacionamento série CuiDADoS E PrECAuÇÕES Recomendamos a completa leitura deste manual antes da colocação em funcionamento dos equipamentos. 1 Sumário Garantia Estendida Akiyama 3

Leia mais

Manual de instruções. Máquina de desmontar e montar pneus MDE-600

Manual de instruções. Máquina de desmontar e montar pneus MDE-600 Manual de instruções Máquina de desmontar e montar pneus MDE-600 Apresentação Primeiramente queremos lhe dar os parabéns pela escolha de um equipamento com nossa marca. Somos uma empresa instalada no ramo

Leia mais

X20 30 36 AC GEARLESS

X20 30 36 AC GEARLESS 3141 pt - 02.1999 / a Este manual deve ser entregue ao usuário final X20 30 36 AC GEARLESS Manual de instalação e manutenção Com o objetivo de obter o máximo de desempenho de sua nova máquina GEARLESS,

Leia mais

Springer - Carrier. Índice

Springer - Carrier. Índice Índice Página 1 - Diagnóstico de Defeitos em um Sistema de Refrigeração... 8 1.1 - Falha: Compressor faz ruído, tenta partir, porém não parte... 8 1.2 - Falha: Compressor funciona, porém não comprime...

Leia mais

TF-830 MOTOCICLETA. Leia cuidadosamente antes do uso

TF-830 MOTOCICLETA. Leia cuidadosamente antes do uso TF-830 MOTOCICLETA Leia cuidadosamente antes do uso Leia este manual cuidadosamente antes de usar este produto. O manual o informará como operar e montar o produto de uma forma correta para que nenhuma

Leia mais

099-100-R02 MANUAL DE DESMONTAGEM E MONTAGEM DE ACUMULADORES DE BEXIGA 1/6 1 - CARACTERÍSTICAS GERAIS

099-100-R02 MANUAL DE DESMONTAGEM E MONTAGEM DE ACUMULADORES DE BEXIGA 1/6 1 - CARACTERÍSTICAS GERAIS MANUAL DE DESMONTAGEM E MONTAGEM DE ACUMULADORES DE BEXIGA 1 - CARACTERÍSTICAS GERAIS - Se o acumulador precisa ser desmontado por qualquer razão, o procedimento seguinte deve ser seguido na sequência

Leia mais

BOMBAS CENTRÍFUGAS MANCALIZADAS ÍNDICE

BOMBAS CENTRÍFUGAS MANCALIZADAS ÍNDICE Folha 1 de 9 ÍNDICE 1- Garantia 02 2-Generalidades sobre a Instalação da Bomba 02 21 - Descrição da Bomba 02 22 - Tubulações 02 221 - Tubulações de aspiração e de afluência 02 222 - Tubulações de recalque

Leia mais

UM A M ARC A DO GRUPO ESPIRODUTOS

UM A M ARC A DO GRUPO ESPIRODUTOS VENTILADORES AXIAL UM A M ARC A DO GRUPO ESPIRODUTOS DESCRIÇÃO E NOMENCLATURA DE VENTILADORES AXIAL Diâmetro Fabricação Aspiração Rotor Empresa Ex: EAFN 500 Diâmetro da seleção Tipo de Fabricação G = Gabinete

Leia mais

Telefax: (11) 4524-1949 / (11) 4538-1650

Telefax: (11) 4524-1949 / (11) 4538-1650 Pág.: 1 CÓDIGO: IM 02 REVISÃO: 01 DATA DA ÚLTIMA REVISÃO:Janeiro/1999 DESCRIÇÃO: MANUAL DE BOMBAS DE DUPLO DIAFRAGMA ELABORADO POR: Eng. Marcos Tancini Mingrone APROVADO POR: mesmo 1. OPERAÇÃO DE BOMBAS

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES REFRIGERADOR PARA ÔNIBUS MOD. CHANFRADO - RCMT

MANUAL DE INSTRUÇÕES REFRIGERADOR PARA ÔNIBUS MOD. CHANFRADO - RCMT MANUAL DE INSTRUÇÕES Compact Indústria de Produtos Termodinâmicos Ltda. Fábrica: Est. BR-116 KM 152,3, 21940 Pavilhão 1 Bairro Planalto Caxias do Sul - RS - CEP 95070-070 Fone (0XX) 54-2108-3838- Fax:

Leia mais

rimetal casa de vácuo Manual do Usuário Máquinas para Baterias

rimetal casa de vácuo Manual do Usuário Máquinas para Baterias casa de vácuo Manual do Usuário ÍNDICE INTRODUÇÃO Apresentação Dados Técnicos Cuidados Segurança Limpeza 2 3 4 5 6 MANUTENÇÃO Instruções Manutenção Preventiva INSTALAÇÃO 8 9 10 GARANTIA Garantia 12 Contato

Leia mais

MANUAL TÉCNICO ELÉTRICO MUNDI ÔNIBUS RODOVIÁRIO APLICAÇÕES INSTALAÇÃO MANUTENÇÃO

MANUAL TÉCNICO ELÉTRICO MUNDI ÔNIBUS RODOVIÁRIO APLICAÇÕES INSTALAÇÃO MANUTENÇÃO MANUAL TÉCNICO ELÉTRICO MUNDI ÔNIBUS RODOVIÁRIO APLICAÇÕES INSTALAÇÃO MANUTENÇÃO 2 IMPORTANTE A BRAPAX e seus Distribuidores Autorizados advertem que a seleção imprópria, falha ou uso incorreto dos produtos

Leia mais

Thebe Bombas Hidráulicas Ltda.

Thebe Bombas Hidráulicas Ltda. Manual de Montagem com Motores a Combustão Bomba P-15 e PX-15 (Multiestágio) 18 10 9 8 7 6 2 12 14 12 14 12 11 1 17 6 5 16 13 15 13 15 13 4 3 Descrição de Peças 1 Arruela traseira P-15 2 Paraf. Sext. M8x

Leia mais

- Cilindro Pneumático ISO

- Cilindro Pneumático ISO de Instalação, Operação e Manutenção Janeiro 2000 - ISO Série P1E (Tubo Perfilado) 32 a 100 mm Índice Introdução... 1 Características Técnicas... 1 Características Construtivas... 1 Instalação... 2 Manutenção...

Leia mais

Purgador de Bóia FTA - 550 Manual de Instalação e Manutenção

Purgador de Bóia FTA - 550 Manual de Instalação e Manutenção Purgador de Bóia FTA - 550 Manual de Instalação e Manutenção ÍNDICE Termo de Garantia 1.Descrição 2.Instalação 3.Manutenção 4.Peças de reposição 5.Informações Técnicas 1 TERMO DE GARANTIA A Spirax Sarco

Leia mais

Instruções para Instalação de Motores Elétricos

Instruções para Instalação de Motores Elétricos Instruções para Instalação de Motores Elétricos LEIA ATENTAMENTE ESTE MANUAL ANTES DE INICIAR A INSTALAÇÃO DO MOTOR VERIFICAÇÃO NA RECEPÇÃO - Verifique se ocorreram danos durante o transporte. - Verifique

Leia mais

Instruções para Implementadores Volvo Truck Corporation

Instruções para Implementadores Volvo Truck Corporation Instruções para Implementadores Volvo Truck Corporation Características Construtivas Tomada de Força VM Contents Generalidades, página 2 Tomada de força montada na caixa de mudanças, página 2 Tomada de

Leia mais

Manual do usuário e peças de reposição. Guia prático de manutenção passo-a-passo

Manual do usuário e peças de reposição. Guia prático de manutenção passo-a-passo Manual do usuário e peças de reposição Guia prático de manutenção passo-a-passo Revisão Novembro/2009 1 PLATAFORMA TECNOLOGIA EM CONSERVAÇÃO DE PISOS LTDA. Av. Deputado Emílio Carlos, 2499-02721.200 -

Leia mais

Informação do Produto Filtros da Linha RCS

Informação do Produto Filtros da Linha RCS Rev-00 Plug: ½ NPT Os filtros da Linha RCS são projetados para separação de água e sólidos de hidrocarbonetos em aplicação no abastecimento industrial, aeronaves e postos de gasolina. Objetivamente, os

Leia mais

Filtros e Bombas. A Piscina dos seus Sonhos.

Filtros e Bombas. A Piscina dos seus Sonhos. Dúvidas Filtros e Bombas A Piscina dos seus Sonhos. - Filtros Água vazando para o esgoto. Nas opções filtrar e recircular, observo através do visor de retrolavagem que a água continua indo para o esgoto

Leia mais

-MANUAL DE INSTRUÇÕES; -LISTA DE PEÇAS. PALETEIRA MÜLLER 3T

-MANUAL DE INSTRUÇÕES; -LISTA DE PEÇAS. PALETEIRA MÜLLER 3T -MANUAL DE INSTRUÇÕES; -LISTA DE PEÇAS. PALETEIRA MÜLLER 3T NOTA: O operador deve LER o Manual de Instruções antes de utilizar a Paleteira Müller 3T. Obrigado por ter escolhido e utilizar a Paleteira Müller

Leia mais

Instruções de Instalação

Instruções de Instalação Instruções de Instalação Série ST ST/QBM, ST/MRA, ST Experience In Motion 1 Verificação do Equipamento 1.1 Seguir as normas de segurança da planta antes da desmontagem do equipamento: Consulte a Ficha

Leia mais

Cuidados e Precausões

Cuidados e Precausões 1 P/N: AK-PRONET04AMA SERVO DRIVER AKIYAMA ESTUN Servoacionamento Serie Cuidados e Precausões Recomendamos a completa leitura desde manual antes da colocação em funcionamento dos equipamentos. 2 SUMÁRIO

Leia mais

Variadores e redutores de velocidade e manutenção de engrenagens

Variadores e redutores de velocidade e manutenção de engrenagens Variadores e redutores de velocidade e manutenção de engrenagens A UU L AL A Um conjunto de engrenagens cônicas pertencente a uma máquina começou a apresentar ruídos estranhos. O operador da máquina ficou

Leia mais

Controle de Medidas - Instrumentos de Medição. Prof. Casteletti PAQUÍMETRO UNIVERSAL

Controle de Medidas - Instrumentos de Medição. Prof. Casteletti PAQUÍMETRO UNIVERSAL PAQUÍMETRO UNIVERSAL O paquímetro é um instrumento usado para medir dimensões lineares internas, externas e de profundidade. Consiste em uma régua graduada, com encosto fixo, na qual desliza um cursor.

Leia mais

MÁQUINA DE SOLDA MIG/MAG-250

MÁQUINA DE SOLDA MIG/MAG-250 *Imagens meramente ilustrativas MÁQUINA DE SOLDA MIG/MAG-250 Manual de Instruções www.v8brasil.com.br 1. DADOS TÉCNICOS MÁQUINA DE SOLDA MIG/MAG-250 Modelo Tensão nominal Frequência Corrente nominal Tensão

Leia mais

MÁQUINA DE SOLDA MIG/MAG-400

MÁQUINA DE SOLDA MIG/MAG-400 *Imagens meramente ilustrativas MÁQUINA DE SOLDA MIG/MAG-400 Manual de Instruções www.v8brasil.com.br 1. DADOS TÉCNICOS MÁQUINA DE SOLDA MIG/MAG-400 Modelo Tensão nominal Frequência Corrente nominal Diâmetro

Leia mais

6 Manutenção de Tratores Agrícolas

6 Manutenção de Tratores Agrícolas 6 Manutenção de Tratores Agrícolas 6.1 Introdução Desenvolvimento tecnológico do país Modernização da agricultura Abertura de novas fronteiras agrícolas Aumento no uso de MIA Aumento da produtividade Maiores

Leia mais

www.zoje.com.br Manual ZJ8700 Montagem e Operacional

www.zoje.com.br Manual ZJ8700 Montagem e Operacional Manual ZJ8700 Montagem e Operacional MANUAL DE INSTRUÇÕES Para obter o máximo das muitas funções desta máquina e operá-la com segurança, é necessário usá-la corretamente. Leia este Manual de Instruções

Leia mais

PULVERIZADOR MOTORIZADO PARA TRANSPORTAR NAS COSTAS

PULVERIZADOR MOTORIZADO PARA TRANSPORTAR NAS COSTAS PULVERIZADOR MOTORIZADO PARA TRANSPORTAR NAS COSTAS Manual do Operador COMPONENTES e ACESSÓRIOS Tampa do tanque de produtos químicos Bocal Lança Tanque de produtos químicos Vela de ignição Acionador de

Leia mais

INTRODUÇÃO INFORMAÇÕES ADICIONAIS NOTAS

INTRODUÇÃO INFORMAÇÕES ADICIONAIS NOTAS 1 INTRODUÇÃO Neste catálogo estão descritos todos os modelos de bombas das linhas E e EP de nossa fabricação assim como seus acessórios e opcionais. Dele constam informações técnicas, desde a construção,

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES E OPERAÇÃO. DPE Desmontadora de Pneus Elétrica

MANUAL DE INSTRUÇÕES E OPERAÇÃO. DPE Desmontadora de Pneus Elétrica MANUAL DE INSTRUÇÕES E OPERAÇÃO DPE Desmontadora de Pneus Elétrica 01 - Cabeçote Fixador 02 Garras 03 Bicos de Pato Deslocador 04 Haste Móvel 05 Braço Deslocador 06 Trava da Haste Móvel 07 Mola 08 Bico

Leia mais

INTRODUÇÃO CARACTERÍSTICAS. MODELO FE 45 CAPACIDADE DE PERFURAÇÃO Ø 45 mm PROFUNDIDADE DE CORTE TIPO DE ENCAIXE CM 2 MEDIDAS DE SEGURANÇA

INTRODUÇÃO CARACTERÍSTICAS. MODELO FE 45 CAPACIDADE DE PERFURAÇÃO Ø 45 mm PROFUNDIDADE DE CORTE TIPO DE ENCAIXE CM 2 MEDIDAS DE SEGURANÇA 1 INTRODUÇÃO As Furadeiras de Base Magnética Merax caracterizam-se por serem robustas, porém leves e de fácil transporte. Utilizam qualquer tipo de broca, preferencialmente as brocas anulares. Trabalham

Leia mais

Instruções de instalação

Instruções de instalação Instruções de instalação Acessórios Cabos de ligação do acumulador da caldeira de aquecimento Para técnicos especializados Ler atentamente antes da montagem. Logano plus GB225-Logalux LT300 6 720 642 644

Leia mais

Manual de Instruções. Unique-TO Válvula sanitária de saída do tanque à prova de mistura ESE00156BR1 2007-04

Manual de Instruções. Unique-TO Válvula sanitária de saída do tanque à prova de mistura ESE00156BR1 2007-04 Manual de Instruções Unique-TO Válvula sanitária de saída do tanque à prova de mistura ESE00156BR1 2007-04 Declaração de Conformidade A empresa designada Alfa Laval Kolding Nome da Empresa Albuen 31,

Leia mais

Seção 12 Conjunto do motor

Seção 12 Conjunto do motor Seção 12 Conjunto do motor Página CONJUNTO DO MOTOR... 164 Instalação do virabrequim... 164 Instale o pistão e a biela... 164 Instalação do eixo de cames... 164 Instalação da bomba de óleo... 165 Instalação

Leia mais

Manual para uso correto das polias e melhoria em sua transmissão

Manual para uso correto das polias e melhoria em sua transmissão Manual para uso correto das polias e melhoria em sua transmissão 2 Índice 2 - Antes de efetuar a inspeção ou substituição de uma polia: 3 -Segurança 4 - Superfícies e medidas dos canais 5 - Relação Canal

Leia mais

Manual de Montagem e Manutenção de Cancelas PPA. Cancela com acionamento mecânico por sistema biela Modelo Rekta

Manual de Montagem e Manutenção de Cancelas PPA. Cancela com acionamento mecânico por sistema biela Modelo Rekta Manual de Montagem e Manutenção de Cancelas PPA Cancela com acionamento mecânico por sistema biela Modelo Rekta 1.1- Motor e Redutor Peça única conjugada conforme ilustra a Figura a seguir. MOTOR ½ HP

Leia mais

Manual de Operação. Lixadeira pneumática de alta velocidade 5"- TESM5P

Manual de Operação. Lixadeira pneumática de alta velocidade 5- TESM5P Manual de Operação Lixadeira pneumática de alta velocidade 5"- TESM5P . DADOS TÉCNICOS LIXADEIRA ORBITAL Modelo: Velocidade sem carga: Pressão de ar: Entrada de ar: Disco de lixa: Consumo de ar: TESM5P

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO BOMBAS BHI. Sistema de Gestão da Qualidade ISO 9000:2008.

MANUAL DE INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO BOMBAS BHI. Sistema de Gestão da Qualidade ISO 9000:2008. MANUAL DE INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO BOMBAS BHI Sistema de Gestão da Qualidade ISO 9000:2008. Sr. Proprietário Parabéns! Você acaba de adquirir um equipamento de construção simples, projetado e

Leia mais

Manual de Instruções e Lista de Peças. Máquina de Corte Circular de Tecido 950C

Manual de Instruções e Lista de Peças. Máquina de Corte Circular de Tecido 950C Manual de Instruções e Lista de Peças Máquina de Corte Circular de Tecido 950C 104A 104B Singer é uma marca registrada da The Singer Company Limited ou suas afiliadas. 2009 Copyright The Singer Company

Leia mais

HPP06 UNIDADE HIDRÁULICA

HPP06 UNIDADE HIDRÁULICA HPP06 UNIDADE HIDRÁULICA A partir do nº de Série 5688 ANTES Antes DE UTILIZAR Agradecemos a sua preferência pela unidade HYCON. Por favor note que a unidade foi vendida sem óleo hidráulico, o qual deverá

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES RT650KA / RTX-1

MANUAL DE INSTRUÇÕES RT650KA / RTX-1 RT650KA MICRO RETÍFICA VELOCIDADE VARIÁVEL MANUAL DE INSTRUÇÕES RT650KA / RTX-1 DISQUE 0800 703 4644 PARA SABER QUAL O CENTRO DE SERVIÇO MAIS PRÓXIMO DE SUA LOCALIDADE INSTRUÇÕES DE SEGURANÇA AVISO: Ao

Leia mais

CATÁLOGO TÉCNICO COMPRESSOR - MSW 40 FORT/ART - MSW 40 FORT/425 - W 8400 (40/AD)

CATÁLOGO TÉCNICO COMPRESSOR - MSW 40 FORT/ART - MSW 40 FORT/425 - W 8400 (40/AD) CT 5 MSW 40 FORT/ART MSW 40 FORT/5 W 400 (40/AD) W 41 H W 41 HC W 411 HLC CATÁLOGO TÉCNICO COMPRESSOR MSW 40 FORT/ART MSW 40 FORT/5 W 400 (40/AD) W 41 H W 41 HC 2 ESTÁGIOS 5 psig W 411 HLC 2 ESTÁGIOS 100

Leia mais

bambozzi Manual de Instruções TMC 370 E +55 (16) 33833818 S.A.B. (Serviço de Atendimento Bambozzi) 0800 773.3818 sab@bambozzi.com.

bambozzi Manual de Instruções TMC 370 E +55 (16) 33833818 S.A.B. (Serviço de Atendimento Bambozzi) 0800 773.3818 sab@bambozzi.com. A SSISTÊNCIAS T ÊCNICAS AUTORIZADAS acesse: www.bambozzi.com.br/assistencias.html ou ligue: +55 (16) 33833818 bambozzi Manual de Instruções BAMBOZZI SOLDAS LTDA. Rua Bambozzi, 522 Centro CEP 15990-668

Leia mais

MODELOS HD 660 HD 800 HD 1200 HDS 660 HDS 800 HDS 1200. Nominal (l/h) 660 800 1200 660 800 1200

MODELOS HD 660 HD 800 HD 1200 HDS 660 HDS 800 HDS 1200. Nominal (l/h) 660 800 1200 660 800 1200 9.356-039.0 Rev. 0 1. APRESENTAÇÃO 1. Características da Máquina MODELOS HD 660 HD 800 HD 1200 HDS 660 HDS 800 HDS 1200 VAZÃO Nominal (l/h) 660 800 1200 660 800 1200 Válvula de vapor (l/h) - - - - - 800

Leia mais

Compressor de Ar Portátil de Alta Pressão

Compressor de Ar Portátil de Alta Pressão Compressor de Ar Portátil de Alta Pressão (200BAR/3000PSI/20MPa) 0 Atenção Importante! Este COMPRESSOR DE AR PORTÁTIL DE ALTA PRESSÃO deve ser utilizado exclusivamente para a recarga do ar comprimido diretamente

Leia mais

MODELO VT550B(branco) / VT550P(preto) VENTILADOR DE MESA E COLUNA MANUAL DE INSTRUÇÕES. Ventilador de Mesa e Coluna

MODELO VT550B(branco) / VT550P(preto) VENTILADOR DE MESA E COLUNA MANUAL DE INSTRUÇÕES. Ventilador de Mesa e Coluna MODELO VT550B(branco) / VT550P(preto) VENTILADOR DE MESA E COLUNA MANUAL DE INSTRUÇÕES Ventilador de Mesa e Coluna Leia estas instruções antes de usar o produto Silenciosos - Noites mais tranquilas Muito

Leia mais

MANUAL DE SERVIÇO TÉCNICO

MANUAL DE SERVIÇO TÉCNICO MANUAL DE SERVIÇO TÉCNICO INSTALAÇÃO, PARTIDA, SOLUÇÕES DOS PROBLEMAS, MANUTENÇÃO PREVENTIVA, O QUE FAZER E O QUE NÃO FAZER SEÇÃO TSM 000 PÁGINA 1 de 8 ASSUNTO H CONTEÚDO INSTALAÇÃO - COMENTÁRIOS GERAIS..............

Leia mais

MANUAL DE SERVIÇO, INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO.

MANUAL DE SERVIÇO, INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO. MANUAL DE SERVIÇO, INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO. BOMBAS CENTRIFUGAS NORMALIZADAS DIN EN 22 858 1 Ver. 10/2008 MANUAL DE SERVIÇO, INSTALAÇÃO, OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO INTRODUÇÃO Leia com atenção este

Leia mais

ÍNDICE. Descrição das Moto Bombas...2. Condições de operação...3. Instalação Elétrica e Hidráulica...4. Problemas e medidas a serem tomadas...

ÍNDICE. Descrição das Moto Bombas...2. Condições de operação...3. Instalação Elétrica e Hidráulica...4. Problemas e medidas a serem tomadas... ÍNDICE Descrição das Moto Bombas...2 Condições de operação...3 Instalação Elétrica e Hidráulica...4 Problemas e medidas a serem tomadas...7 Garantia...8 ATENÇÃO Por favor, leia estas instruções cuidadosamente

Leia mais

Manual de Instalação DOCOL Monocomando

Manual de Instalação DOCOL Monocomando Manual de Instalação DOCOL Monocomando ECLIPSE PARA BANHEIRA/ CHUVEIRO AP PARA CHUVEIRO AP PARA CHUVEIRO BP HAMPTON MONET PARA BANHEIRA/ CHUVEIRO AP PARA CHUVEIRO AP PARA CHUVEIRO BP BICA ALTA LAVATORIO

Leia mais

Galoneira Industrial série ZJ-W562

Galoneira Industrial série ZJ-W562 Galoneira Industrial série ZJ-W562 Instruções de Segurança IMPORTANTE Antes de utilizar sua máquina, leia atentamente todas as instruções desse manual. Ao utilizar a máquina, todos os procedimentos de

Leia mais

bambozzi Manual de Instruções 1,5 CV - TRIFÁSICO Moto Esmeril de Coluna

bambozzi Manual de Instruções 1,5 CV - TRIFÁSICO Moto Esmeril de Coluna A SSISTÊNCIAS T ÊCNICASAUTORIZADAS acesse: www.bambozzi.com.br/assistencias.html ou ligue: +55 (16) 33844968 / 33842409 bambozzi Moto Esmeril de Coluna Manual de Instruções BAMBOZZI TALHAS E MOTO ESMERIL

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO E GARANTIA

MANUAL DE INSTALAÇÃO E GARANTIA .. MANUAL DE INSTALAÇÃO E GARANTIA A embalagem do Pressurizador Tango SFL contém:» 1 Equipamento Pressurizador» 2 Registros de Esfera com união;» 1 Manual de Instalação com Certificado de Garantia. ÍNDICE

Leia mais

100 kpa a 1,0 MPa. Filtro de ar em linha. Série ZFC

100 kpa a 1,0 MPa. Filtro de ar em linha. Série ZFC Filtro de ar em linha Série ZFC Para tamanhos de tubo de ø2 e ø3,2, consulte Filtro de sucção de ar/série ZFC no site da SMC. Faixa de pressão de trabalho A pressão positiva e a pressão de vácuo podem

Leia mais

MANUAL DE FUNCIONAMENTO FILTROS INDUSTRIAIS. G:Manuais/Manuais atualizados/ta

MANUAL DE FUNCIONAMENTO FILTROS INDUSTRIAIS. G:Manuais/Manuais atualizados/ta MANUAL DE FUNCIONAMENTO FILTROS INDUSTRIAIS TA G:Manuais/Manuais atualizados/ta Rev.01 ESQUEMA HIDRÁULICO 1 - INTRODUÇÃO 1.1. - FINALIDADE DESTE MANUAL Este manual proporciona informações teóricas e de

Leia mais

Bipartida Axialmente

Bipartida Axialmente Linha BP BI-PARTIDA ROTOR DE DUPLA SUCÇÃO Bipartida Axialmente Soluções em Bombeamento INTRODUÇÃO Neste catálogo estão descritos todos os modelos de bombas da linha BP de nossa fabricação. Nele constam

Leia mais

Sensor de planta. Prof. Brandão

Sensor de planta. Prof. Brandão Sensor de planta Prof. Brandão OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO DO SENSORFLOW 2 INTRODUÇÃO O SENSORFLOW SYSTEM L II é um componente cuja função principal é proporcionar economia de defensivo sem perda da qualidade

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO E MANUTENÇÃO. SERIES 3 e H-MC BOMBAS VEDADAS ROTOGEAR LISTA DO CONTEÚDO. Instruções Gerais. Explicação dos Símbolos

MANUAL DE INSTALAÇÃO E MANUTENÇÃO. SERIES 3 e H-MC BOMBAS VEDADAS ROTOGEAR LISTA DO CONTEÚDO. Instruções Gerais. Explicação dos Símbolos MANUAL DE INSTALAÇÃO E MANUTENÇÃO SERIES 3 e H-MC BOMBAS VEDADAS ROTOGEAR LISTA DO CONTEÚDO Instruções Gerais Explicação dos Símbolos Instalação da Bomba e do Motor Acionamento Remoção do Sistema Manutenção

Leia mais

CORTINA DE AR INTERNATIONAL

CORTINA DE AR INTERNATIONAL CORTINA DE AR INTERNATIONAL A: MANUTENÇÃO PERIÓDICA DE CORTINA DE AR 3 TAMPA PONTA 2 TAMPA CENTRAL 4 1 FIG. 01 TAMPA DO MOTOR TELAS DE SUCÇÃO DE AR A) LIMPEZA DA TELA DE SUCÇÃO DE AR ( 4 ) A.1) - SUJEIRA

Leia mais

MOINHO ALTA ROTAÇÃO E BAIXA ROTAÇÃO

MOINHO ALTA ROTAÇÃO E BAIXA ROTAÇÃO MANUAL DE OPERAÇÕES MOINHO ALTA ROTAÇÃO E BAIXA ROTAÇÃO MI-200 / MI-300 1 - Introdução Leia atentamente o Manual de Instruções, pois nele estão contidas as informações necessárias para o bom funcionamento

Leia mais

COMO MEDIR A PRESSÃO DO ÓLEO

COMO MEDIR A PRESSÃO DO ÓLEO Página 1 de 6 COMO MEDIR A PRESSÃO DO ÓLEO MOTOR WILLYS 6 CILINDROS BF-161 Com uma simples medição da pressão do óleo você pode avaliar o estado geral do seu motor Willys seja ele novo ou usado e evitar

Leia mais

Seção 9 Cilindros e protetores/reservatórios do cárter

Seção 9 Cilindros e protetores/reservatórios do cárter Seção 9 Cilindros e protetores/reservatórios do cárter Página CILINDROS... 150 Inspeção e medição... 150 Retificação de cilindros... 150 Acabamento... 151 Limpeza... 151 MANCAIS DE MOTOR... 152 Mancal

Leia mais

Índice. 1. Advertência. 2. Características técnicas. 3. Aplicações. 4. Estrutura. 5. Instruções de uso e operação. 6. Manutenção.

Índice. 1. Advertência. 2. Características técnicas. 3. Aplicações. 4. Estrutura. 5. Instruções de uso e operação. 6. Manutenção. MODELO: BYG AR 1533 Índice 1. Advertência. 2. Características técnicas. 3. Aplicações. 4. Estrutura. 5. Instruções de uso e operação. 6. Manutenção. 7. Diagrama elétrico. 8. Diagrama hidráulico. 9. Peças

Leia mais

Linha de Empilhadeiras LEG25 e LED30

Linha de Empilhadeiras LEG25 e LED30 Linha de Empilhadeiras LEG25 e LED30 Manual de peças Empilhadeira ÍNDICE 01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 Montagem Da Transmissão Transmissão

Leia mais

Experiência n 1 1 - Desmontagem e Montagem de bomba hidráulica

Experiência n 1 1 - Desmontagem e Montagem de bomba hidráulica 1 Experiência n 1 1 - Desmontagem e Montagem de bomba hidráulica 1. Objetivo: Fazer com que o aluno se familiarize com os componentes da bomba hidráulica semelhante a utilizada na bancada do laboratório.

Leia mais

MANUAL DO PROPRIETÁRIO

MANUAL DO PROPRIETÁRIO Série 9300 BOMBA SUBMERSÍVEL ALIMENTAÇÃO EM CORRENTE CONTÍNUA MANUAL DO PROPRIETÁRIO Observação: ANTES DE CONECTAR OU OPERAR ESTE PRODUTO, FAVOR LER COMPLETAMENTE ESTAS INSTRUÇÕES 911-415 REV. C 9/93 CONTEÚDO

Leia mais