PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE A COMPROVAÇÃO DE RENDA NO PROCESSO SELETIVO UFFS/2014

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE A COMPROVAÇÃO DE RENDA NO PROCESSO SELETIVO UFFS/2014"

Transcrição

1 PERGUNTAS E RESPOSTAS SOBRE A COMPROVAÇÃO DE RENDA NO PROCESSO SELETIVO UFFS/ Em quais opções de escolha preciso comprovar a renda? Conforme o EDITAL Nº 572/UFFS/ PROCESSO SELETIVO UFFS/2014.1, o candidato que se enquadra nas modalidades L1 e L2 e assinalar uma dessas opções na inscrição, deverá comprovar a renda no momento da matrícula. L1 Vagas reservadas a candidatos com renda familiar bruta per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo e que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas (Lei nº /2012). L2 Vagas reservadas a candidatos autodeclarados pretos, pardos ou indígenas, com renda familiar bruta per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo e que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas (Lei nº /2012). 2. Quais documentos são necessários para a comprovação de renda? A documentação prevista no Edital Nº 572/UFFS/2013 do Processo Seletivo UFFS/2014 é o Formulário de Requerimento para Comprovação de Renda per capita (ANEXO II) que deve ser preenchido e assinado e os Documentos necessários para comprovação da renda familiar bruta mensal per capita que devem ser consultados no ANEXO III. Nesse caso, o candidato deve observar a situação de renda de cada pessoa da família e juntar todos os documentos que são solicitados. Para cada situação de renda há uma lista de documentos. O candidato deve observar em quais situações ele e seus familiares se encaixam e deve apresentar todos os documentos exigidos no item que corresponde a situação (ver Anexo III do Edital Nº 572/UFFS/2013 do Processo Seletivo UFFS/2014). Exemplo: A família é composta pelo candidato que é estudante, o pai assalariado e a mãe funcionária pública. Se o candidato não possui renda, deverá mesmo assim apresentar sua Carteira de Trabalho para comprovar que não possui registro. Referente ao pai, o candidato deve apresentar todos os documentos do item 1 TRABALHADORES ASSALARIADOS (contracheques, Declaração de Imposto de Renda, carteira de trabalho, extrato do FGTS e extratos bancários); referente a mãe que é funcionária pública, deverá apresentar a mesma documentação. No caso de servidores públicos geralmente não existe registro em carteira de trabalho, mas, mesmo assim, a Carteira deverá ser apresentada. 3. Quem pode ser considerado como família (grupo familiar)? Conforme prevê a Lei nº /2012, o Decreto nº 7.824/2012 e a Portaria Normativa MEC nº 18/2012, considera-se: - família a unidade nuclear composta por uma ou mais pessoas, eventualmente ampliada por outras pessoas que contribuam para o rendimento ou tenham suas despesas atendidas por aquela unidade familiar, todas moradoras em um mesmo domicílio; - morador a pessoa que tem o domicílio como local habitual de residência e nele reside na data de inscrição do estudante no Processo Seletivo UFFS/ Se divido aluguel com mais pessoas que não são meus familiares/parentes devo considerar como família (grupo familiar)? Não, a não ser que estas pessoas contribuam para a renda ou dependam da renda do candidato, constituindo neste caso uma unidade familiar. 5. Como é feito o cálculo da renda? O cálculo da renda familiar bruta mensal per capita é feito de acordo com as regras do Art. 7º da Portaria Normativa MEC nº 18/ º - calcula-se a soma dos rendimentos brutos auferidos por todas as pessoas da família a que pertence o estudante, levando-se em conta, no mínimo, os três meses anteriores à data de inscrição

2 do estudante no concurso seletivo da instituição federal de ensino; 2º - calcula-se a média mensal dos rendimentos brutos apurados após a aplicação do disposto no item acima; e 3º - divide-se o valor apurado após a aplicação do disposto acima pelo número de pessoas da família do estudante. No resultado final a renda bruta mensal por pessoa da família deverá ser igual ou inferior a 1,5 salário mínimo. E, será considerado o valor do salário mínimo federal vigente na data de efetivação da matrícula. Atenção: No cálculo serão computados os rendimentos de qualquer natureza percebidos pelas pessoas da família, a título regular ou eventual, inclusive aqueles provenientes de locação ou de arrendamento de bens móveis e imóveis. 6. No cálculo é usada a renda líquida ou bruta? O cálculo leva em consideração os rendimentos brutos de cada pessoa da família. Conforme a Portaria Normativa MEC nº 18/2012, estão excluídos do cálculo apenas os valores percebidos a título de: a) auxílios para alimentação e transporte; b) diárias e reembolsos de despesas; c) adiantamentos e antecipações; d) estornos e compensações referentes a períodos anteriores; e) indenizações decorrentes de contratos de seguros; f) indenizações por danos materiais e morais por força de decisão judicial; e os rendimentos percebidos no âmbito dos seguintes programas: a) Programa de Erradicação do Trabalho Infantil; b) Programa Agente Jovem de Desenvolvimento Social e Humano; c) Programa Bolsa Família e os programas remanescentes nele unificados; d) Programa Nacional de Inclusão do Jovem Pró-Jovem; e) Auxílio Emergencial Financeiro e outros programas de transferência de renda destinados à população atingida por desastres, residente em Municípios em estado de calamidade pública ou situação de emergência; e f) demais programas de transferência condicionada de renda implementados por Estados, Distrito Federal ou Municípios. 7. Devo apresentar os documentos dos últimos 3 (três) meses anteriores a inscrição ou a matrícula? Anteriores à inscrição. O candidato deve observar que todos os contracheques e extratos bancários devem ser de, no mínimo, três meses anteriores à inscrição. Ou seja, se a inscrição no site foi realizada em 06 de janeiro de 2014, então deverá apresentar os contracheques e extratos bancários de, no mínimo, outubro, novembro e dezembro de Mesmo que faça a matrícula em março, deverá observar a data da inscrição e trazer os documentos dos 3 meses anteriores a inscrição. Veja que o mínimo exigido é 3 meses anteriores, mas o candidato poderá trazer de quantos meses preferir. 8. Os documentos apresentados devem ser originais? Os documentos deverão ser apresentados em CÓPIAS LEGÍVEIS e não serão devolvidos. As cópias são simples, não sendo necessário reconhecer firma ou autenticar em Cartório. No caso das Carteiras de Trabalho, devem ser apresentadas as cópias e originais. 9. É preciso autenticar os documentos em Cartório? Não. A exceção ocorre para os casos em que não seja possível apresentar a Carteira de Trabalho original, de todos os membros do grupo familiar que a possuem, o candidato poderá apresentar cópia autenticada deste documento. 10. Preciso levar cópia dos meus documentos e de todas as pessoas que fazem parte do meu grupo familiar? Sim, é necessário apresentar cópias dos documentos de identificação e renda do candidato e de todas as pessoas que fazem parte do grupo familiar (família). Caso a família tenha crianças, o candidato deverá apresentar a Certidão de Nascimento ou outro documento de identificação e também

3 incluí-la no formulário. 11. Caso eu não consiga comprovar a renda, o que acontece? Se todos os documentos forem apresentados e a renda for maior do que o limite, o candidato será desclassificado e perderá a vaga. Por isso, antes de fazer a inscrição é importante verificar a renda de todas as pessoas da família, considerando os três meses anteriores à inscrição, e fazer o cálculo seguindo as orientações das questões 5 e 6 acima. 12. Caso eu esqueça de algum documento, posso apresentar depois? Não. A matrícula somente será realizada se todos os documentos forem apresentados e estiverem de acordo com as regras do Edital. Toda a documentação deverá ser apresentada no prazo aberto para efetivar a matrícula da chamada em que o candidato foi convocado. Sem a documentação estabelecida no edital a matrícula não poderá ser efetivada. 13. Não possuo alguns dos documentos solicitados, o que devo fazer? Nos casos em que não é feita Declaração de Imposto de Renda, por exemplo, o candidato deixará de apresentar o documento. Outra situação semelhante ocorre com a carteira de trabalho (CTPS); se nunca foi emitida a Carteira de Trabalho, não precisará apresentar este documento. Nestes casos, na análise da renda, poderá haver uma conferência com bases de dados e consultas a cadastros de informações socioeconômicas, se constatado que o candidato tem este documento, deverá apresentá-lo para ser aprovado na análise de renda. 14. Caso eu compareça no primeiro dia de matrículas e a documentação estiver incompleta, posso retornar no segundo dia? Sim, enquanto estiver aberto o prazo da chamada em que o candidato foi aprovado, poderá trazer a documentação e efetivar a matrícula. 15. O que pode acontecer caso eu deixe de declarar alguma renda? Será eliminado, a qualquer época, mesmo depois de matriculado, o candidato que, comprovadamente, para realizar o Processo Seletivo UFFS/2014.1, tiver usado documentos e/ou informações falsas ou outros meios ilícitos, assegurando-lhe o contraditório e a ampla defesa, sem prejuízo das sanções penais eventualmente cabíveis. Ao apresentar os documentos e assinar os termos, o candidato assume inteira responsabilidade pelas informações prestadas e que está ciente das penalidades cabíveis previstas no Art. 299 do Código Penal, o qual prevê que é crime: Omitir, em documento público ou particular, declaração que dele devia constar, ou nele inserir ou fazer inserir declaração falsa ou diversa da que devia ser escrita, com o fim de prejudicar direito, criar obrigação ou alterar a verdade sobre fato juridicamente relevante. Em função da análise de renda, poderão ser realizadas, a qualquer tempo, entrevistas e visitas ao local de domicílio do estudante, bem como consultas a cadastros de informações socioeconômicas. 16. Sou assalariado, o que devo apresentar? Caso alguém do grupo familiar se encaixe nesta situação, apresentar cópias de todos os documentos a seguir: Contracheques (folhas de pagamento) dos últimos três meses anteriores a inscrição; Carteira de Trabalho (CTPS) registrada e atualizada (páginas referentes a identificação, último Extrato atualizado da conta vinculada do trabalhador no FGTS, obtido em qualquer Agência da

4 Caixa Econômica Federal ou pelo site: https://sisgr.caixa.gov.br/portal/internet.do? segmento=cidadao&produto=fgts Extratos bancários dos últimos três meses, pelo menos, anteriores à inscrição. 17. No caso de empregada(o) doméstica(o), o que devo apresentar? Se possuir registro em Carteira de Trabalho, deverá apresentar todos os documentos do item acima (assalariados) e carnê do INSS (se houver) com recolhimento em dia. Se não possuir registro em Carteira, é considerado profissional autônomo e deverá apresentar os documentos da questão 19, abaixo. 18. Meu pai é assalariado, posso apresentar apenas os contracheques (folhas de pagamento) para comprovar? Não, o candidato deverá apresentar as cópias do RG e CPF do pai, e todos os documentos de renda descritos na questão 16. Da mesma forma deverá proceder com os documentos de todas as pessoas da família, observando se é agricultor, aposentado, pensionista, autônomo, proprietário de empresa, dona de casa, recebe renda do aluguel de imóveis, ou mesmo se alguém estiver desempregado, todas as situações devem ser declaradas. Para cada situação de renda deve-se apresentar todos os documentos exigidos que correspondem a situação. 19. O que devo apresentar no caso de ser assalariado sem ter a carteira assinada? Deverá apresentar os mesmos documentos solicitados para Autônomos e profissionais liberais (ver questão 20). 20. Em casos de trabalhador Autônomo, profissional liberal e proprietário ou sócio-proprietário de empresa, quais documentos devo apresentar? Caso alguém do grupo familiar se encaixe nesta situação, apresentar todos os documentos a seguir: Quaisquer declarações tributárias referentes a pessoas jurídicas vinculadas ao candidato ou a membros de sua família, quando for o caso (Ex. Declaração de Imposto de renda de Pessoa Jurídica); Guias de recolhimento ao INSS com comprovante de pagamento do último mês, compatíveis com a renda declarada; Extratos bancários dos últimos três meses anteriores à inscrição; Declaração do contador, caso tenha contabilidade escriturada, ou Declaração de Trabalho Autônomo (MODELO I do Edital); Carteira de Trabalho (CTPS) registrada e atualizada (páginas referentes a identificação, último Em caso de Proprietário ou sócio-proprietário de empresa, apresentar também Demonstrativo de Resultado do último exercício assinado por contador responsável, Pró-labore e Contrato Social (com alterações, caso houver). 21. O que devo apresentar em casos de agricultura/atividade rural? Apresentar todos os documentos a seguir:

5 Declaração de Imposto de Renda Pessoa Jurídica (caso declare); Quaisquer declarações tributárias referentes a pessoas jurídicas vinculadas ao candidato ou a membros da família, quando for o caso; Extratos bancários dos últimos 03 meses, pelo menos, da pessoa física e das pessoas jurídicas vinculadas; Notas fiscais de vendas ou Extrato do Movimento Econômico do Produtor Rural, referente a produção dos últimos doze meses, retirado junto a Prefeitura Municipal; Declaração atualizada de Aptidão do Agricultor Familiar ao Pronaf (DAP) - fornecida por empresas de Assistência Técnica do município (Emater, Epagri) e/ou Sindicato de Trabalhadores Rurais. 22. Se alguém da minha família é aposentado, pensionista ou receber qualquer outro benefício do INSS, como fazer para comprovar? Caso alguém do grupo familiar se encaixe nesta situação, apresentar todos os documentos a seguir: Extrato atualizado do pagamento de benefício, fornecido pelo Banco ou retirado no site: contendo nome, benefício e valor; Extratos bancários dos últimos três meses anteriores a inscrição, pelo menos; Carteira de Trabalho (CTPS) registrada e atualizada (páginas referentes a identificação, último contrato de trabalho, página seguinte em branco, alterações salariais e anotações gerais). 23. Em caso de ter rendimentos de aluguel e/ou arrendamento de bens e imóveis, quais documentos preciso apresentar? Neste caso, apresentar todos os documentos a seguir: Extratos bancários dos últimos três meses, pelo menos, anteriores à inscrição. Contrato de locação e/ou arrendamento devidamente registrado em cartório, acompanhado dos três últimos comprovantes de recebimentos ou outros documentos correspondentes. 24. No caso de estar desempregado(a) ou ser dona de casa, o que apresentar? Se for o caso, apresentar todos os documentos a seguir: Carteira de Trabalho (CTPS) registrada e atualizada (páginas referentes a identificação, último Seguro Desemprego (apresentar documento referente às parcelas); Rescisão de contrato ou comunicação de dispensa, se houver.

ANEXO III DECLARAÇÃO DE EGRESSO DE ESCOLA PÚBLICA (TERMO DE ESCOLA PÚBLICA) Assinatura do candidato/ responsável legal Local e Data:

ANEXO III DECLARAÇÃO DE EGRESSO DE ESCOLA PÚBLICA (TERMO DE ESCOLA PÚBLICA) Assinatura do candidato/ responsável legal Local e Data: ANEXO III DECLARAÇÃO DE EGRESSO DE ESCOLA PÚBLICA (TERMO DE ESCOLA PÚBLICA) Eu,, portador(a) do CPF:, aprovado(a) dentro das vagas reservadas para o curso, câmpus, do Instituto Federal de Educação, Ciência

Leia mais

ANEXO IV - Procedimentos para cálculo e apuração da renda familiar bruta mensal per capita

ANEXO IV - Procedimentos para cálculo e apuração da renda familiar bruta mensal per capita ANEXO IV - Procedimentos para cálculo e apuração da renda familiar bruta mensal per capita 1. A renda familiar bruta mensal per capita, para fins de verificação da Ação Afirmativa 1A e Ação Afirmativa

Leia mais

ANEXO III - Procedimentos para cálculo e apuração da renda familiar bruta mensal per capita

ANEXO III - Procedimentos para cálculo e apuração da renda familiar bruta mensal per capita ANEXO III - Procedimentos para cálculo e apuração da renda familiar bruta mensal per capita 1. A renda familiar bruta mensal per capita, para fins de verificação da Ação Afirmativa 1A e Ação Afirmativa

Leia mais

CANDIDATO: Gostaria de saber o que é o Sistema de Reserva de Vagas.

CANDIDATO: Gostaria de saber o que é o Sistema de Reserva de Vagas. CANDIDATO: Gostaria de saber o que é o Sistema de Reserva de Vagas. COMPERVE: É um sistema criado pelo Governo que destina um percentual de vagas para alunos de escola pública. No caso da Escola de Enfermagem

Leia mais

Ministério da Educação GABINETE DO MINISTRO PORTARIA NORMATIVA Nº 18, DE 11 DE OUTUBRO DE 2012

Ministério da Educação GABINETE DO MINISTRO PORTARIA NORMATIVA Nº 18, DE 11 DE OUTUBRO DE 2012 Ministério da Educação GABINETE DO MINISTRO PORTARIA NORMATIVA Nº 18, DE 11 DE OUTUBRO DE 2012 Dispõe sobre a implementação das reservas de vagas em instituições federais de ensino de que tratam a Lei

Leia mais

PORTARIA NORMATIVA No 18, DE 11 DE OUTUBRO DE 2012

PORTARIA NORMATIVA No 18, DE 11 DE OUTUBRO DE 2012 PORTARIA NORMATIVA No 18, DE 11 DE OUTUBRO DE 2012 Dispõe sobre a implementação das reservas de vagas em instituições federais de ensino de que tratam a Lei no 12.711, de 29 de agosto de 2012, e o Decreto

Leia mais

Vagas reservadas - Lei nº 12.711/2012

Vagas reservadas - Lei nº 12.711/2012 Vagas reservadas - Lei nº 12.711/2012 Candidatos autodeclarados pretos, pardos ou indígenas, com renda familiar bruta per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo e que tenham cursado integralmente

Leia mais

PROCEDIMENTO PARA CÁLCULO DE RENDA FAMILIAR BRUTA MENSAL PER CAPITA E DOCUMENTAÇÃO EXIGIDA. Conceitos

PROCEDIMENTO PARA CÁLCULO DE RENDA FAMILIAR BRUTA MENSAL PER CAPITA E DOCUMENTAÇÃO EXIGIDA. Conceitos PROCEDIMENTO PARA CÁLCULO DE RENDA FAMILIAR BRUTA MENSAL PER CAPITA E DOCUMENTAÇÃO EXIGIDA Conceitos De acordo com a Portaria Normativa do Ministério da Educação de n 18, de 11 de outubro de 2012, que

Leia mais

DA MATRÍCULA DATA DA MATRÍCULA CAMPUS LOCAL HORÁRIO

DA MATRÍCULA DATA DA MATRÍCULA CAMPUS LOCAL HORÁRIO DA MATRÍCULA CAMPUS LOCAL HORÁRIO BAMBUÍ CONGONHAS Secretaria dos Cursos de Graduação e Pós-Graduação Rodovia Bambuí/Medeiros Km 05 Caixa Postal 05 - Bambuí MG (37) 3431-4974 Secretaria IFMG Câmpus Congonhas

Leia mais

ANEXO II PROCEDIMENTO PARA CÁLCULO DE RENDA FAMILIAR BRUTA MENSAL PER CAPITA E DOCUMENTAÇÃO EXIGIDA

ANEXO II PROCEDIMENTO PARA CÁLCULO DE RENDA FAMILIAR BRUTA MENSAL PER CAPITA E DOCUMENTAÇÃO EXIGIDA ANEXO II PROCEDIMENTO PARA CÁLCULO DE RENDA FAMILIAR BRUTA MENSAL PER CAPITA E DOCUMENTAÇÃO EXIGIDA A Pró-Reitoria de Ensino e Pós-Graduação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS - UFLA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO - PRG DIRETORIA DE PROCESSOS SELETIVOS - DIPS EDITAL COMPLEMENTAR Nº 155 DIPS/UFLA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS - UFLA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO - PRG DIRETORIA DE PROCESSOS SELETIVOS - DIPS EDITAL COMPLEMENTAR Nº 155 DIPS/UFLA UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS - UFLA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO - PRG DIRETORIA DE PROCESSOS SELETIVOS - DIPS EDITAL COMPLEMENTAR Nº 155 DIPS/UFLA A Universidade Federal de Lavras (UFLA), em cumprimento

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TOCANTINS

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TOCANTINS CONVOCAÇÃO EM 7ª CHAMADA - PROCESSO SELETIVO 2013/1 CURSOS TÉCNICO INTEGRADO E TÉCNICO SUBSEQUENTE O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Tocantins (IFTO) - Campus Gurupi, por intermédio

Leia mais

Documentos necessários para efetuar a matrícula

Documentos necessários para efetuar a matrícula Documentos necessários para efetuar a matrícula ENSINO TÉCNICO INTEGRADO a) Certificado de conclusão e histórico escolar do Ensino Fundamental; e) Certidão de alistamento militar ou carteira de reservista,

Leia mais

Curso Técnico Data Horário Local Endereço Design de Móveis Eletrônica Eventos Informática Mecânica Transações Imobiliárias

Curso Técnico Data Horário Local Endereço Design de Móveis Eletrônica Eventos Informática Mecânica Transações Imobiliárias EDITAL Nº 23/2013, de 05 de julho de 2013 Processo Nº 23225.001064/2013-11 MATRÍCULA E COMPROVAÇÃO DA RENDA FAMILIAR BRUTA MENSAL PARA A RESERVA DE VAGAS NO PROCESSO SELETIVO 2013, 2º semestre O Diretor

Leia mais

DOCUMENTAÇÃO EXIGIDA PARA MATRÍCULA SISUTEC 2013 (Aplica-se a todos os candidatos)

DOCUMENTAÇÃO EXIGIDA PARA MATRÍCULA SISUTEC 2013 (Aplica-se a todos os candidatos) Anexo 03 DOCUMENTAÇÃO EXIGIDA PARA MATRÍCULA SISUTEC 2013 (Aplica-se a todos os candidatos) a) Certificado de conclusão do Ensino Médio (original e fotocópia legível); b) Histórico Escolar do Ensino Médio

Leia mais

DOCUMENTAÇÃO PARA MATRÍCULA NO IFC

DOCUMENTAÇÃO PARA MATRÍCULA NO IFC DOCUMENTAÇÃO PARA MATRÍCULA NO IFC ANEXO I DOCUMENTOS PARA COMPROVAÇÃO DE RENDA FAMILIAR 1. INFORMAÇÕES GERAIS O cálculo do rendimento bruto familiar, tanto para os pedidos de isenção de inscrição quanto

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO - UFES COMISSÃO COORDENADORA DO VESTIBULAR

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO - UFES COMISSÃO COORDENADORA DO VESTIBULAR EDITAL N.º 07/2015-CCV/UFES ABERTURA DAS INSCRIÇÕES DO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA INGRESSO NOS CURSOS DE COMUNICAÇÃO A UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO (UFES), representada pela Comissão

Leia mais

1.4. No ato da inscrição, o candidato deverá optar por apenas um curso e uma das modalidades: optante ou não optante pela reserva de vagas.

1.4. No ato da inscrição, o candidato deverá optar por apenas um curso e uma das modalidades: optante ou não optante pela reserva de vagas. UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO COMISSÃO COORDENADORA DO VESTIBULAR EDITAL N.º 03/2015-CCV/UFES ABERTURA DAS INSCRIÇÕES DO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO EXTRAORDINÁRIO A UNIVERSIDADE FEDERAL DO

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO - PROEN COMISSÃO PERMANENTE DE VESTIBULAR - COPEVE

PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO - PROEN COMISSÃO PERMANENTE DE VESTIBULAR - COPEVE PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO - PROEN COMISSÃO PERMANENTE DE VESTIBULAR - COPEVE EDITAL 002/2014 - PROCESSO DE ISENÇÃO DO PAGAMENTO DA TAXA DE INSCRIÇÃO PARA O PROGRAMA DE ACESSO SERIADO (PAS) DA

Leia mais

Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal Catarinense

Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal Catarinense DECLARAÇÃO DE COMPROVAÇÃO DE RENDA - PROGRAMA DE AÇÕES AFIRMATIVAS (SISTEMA DE COTAS) (somente para candidatos que declararem renda familiar bruta igual ou inferior a 1,5 salário mínimo per capita) Nome

Leia mais

LISTA DE DOCUMENTOS PROUNI 2014 PORTARIA NORMATIVA Nº2, 06/01/14

LISTA DE DOCUMENTOS PROUNI 2014 PORTARIA NORMATIVA Nº2, 06/01/14 LISTA DE DOCUMENTOS PROUNI 2014 PORTARIA NORMATIVA Nº2, 06/01/14 DOCUMENTOS DE IDENTIFICAÇÃO DO ESTUDANTE E DOS MEMBROS DE SEU GRUPO FAMILIAR O coordenador do ProUni deverá solicitar, salvo em caso de

Leia mais

Documentos para matrícula e para comprovação das políticas de ações afirmativas

Documentos para matrícula e para comprovação das políticas de ações afirmativas Documentos para matrícula e para comprovação das políticas de ações afirmativas AMPLA CONCORRÊNCIA O candidato classificado na ampla concorrência, deverá apresentar no ato da 2.3) Certidão de Registro

Leia mais

ANEXO IV RELAÇÃO DE DOCUMENTOS RECOMENDADOS PARA COMPROVAÇÃO DA RENDA FAMILIAR BRUTA MENSAL (PORTARIA NORMATIVA Nº 18/2012)

ANEXO IV RELAÇÃO DE DOCUMENTOS RECOMENDADOS PARA COMPROVAÇÃO DA RENDA FAMILIAR BRUTA MENSAL (PORTARIA NORMATIVA Nº 18/2012) UFRB ANEXO IV RELAÇÃO DE DOCUMENTOS RECOMENDADOS PARA COMPROVAÇÃO DA RENDA FAMILIAR BRUTA MENSAL (PORTARIA NORMATIVA Nº 18/2012) Para cada membro do núcleo familiar colocado no formulário DECLARAÇÃO DE

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL SUL-RIO-GRANDENSE VESTIBULAR DE VERÃO/2015 INFORMAÇÕES SOBRE MATRÍCULA - CÂMPUS SAPIRANGA APROVADOS NA 1ª CHAMADA - FORMA INTEGRADA

INSTITUTO FEDERAL SUL-RIO-GRANDENSE VESTIBULAR DE VERÃO/2015 INFORMAÇÕES SOBRE MATRÍCULA - CÂMPUS SAPIRANGA APROVADOS NA 1ª CHAMADA - FORMA INTEGRADA INSTITUTO FEDERAL SUL-RIO-GRANDENSE VESTIBULAR DE VERÃO/2015 INFORMAÇÕES SOBRE MATRÍCULA - CÂMPUS SAPIRANGA APROVADOS NA 1ª CHAMADA - FORMA INTEGRADA 1) LOCAL DE MATRÍCULA: Coordenação de Registros Acadêmicos

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO PRÓ-REITORIA DE ASSUNTOS ESTUDANTIS E CIDADANIA GABINETE DA PRÓ-REITOR

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO PRÓ-REITORIA DE ASSUNTOS ESTUDANTIS E CIDADANIA GABINETE DA PRÓ-REITOR EDITAL 014/2015-PROAECI/UFES PROCESSO SELETIVO SISU - RETIFICADO COMPROVAÇÃO DA RENDA FAMILIAR BRUTA MENSAL PARA A RESERVA DE VAGAS O Pró-Reitor em exercício de Assuntos Estudantis e Cidadania da Universidade

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL SUL-RIO-GRANDENSE VESTIBULAR DE VERÃO/2015 INFORMAÇÕES SOBRE MATRÍCULA - CÂMPUS SAPIRANGA

INSTITUTO FEDERAL SUL-RIO-GRANDENSE VESTIBULAR DE VERÃO/2015 INFORMAÇÕES SOBRE MATRÍCULA - CÂMPUS SAPIRANGA INSTITUTO FEDERAL SUL-RIO-GRANDENSE VESTIBULAR DE VERÃO/2015 INFORMAÇÕES SOBRE MATRÍCULA - CÂMPUS SAPIRANGA APROVADOS NA 1ª CHAMADA - FORMA SUBSEQUENTE 1) LOCAL DE MATRÍCULA: Coordenação de Registros Acadêmicos

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA SUPERINTENDÊNCIA DE ADMINISTRAÇÃO ACADÊMICA COORDENAÇÃO DE ATENDIMENTO E REGISTROS ACADÊMICOS

UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA SUPERINTENDÊNCIA DE ADMINISTRAÇÃO ACADÊMICA COORDENAÇÃO DE ATENDIMENTO E REGISTROS ACADÊMICOS UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA SUPERINTENDÊNCIA DE ADMINISTRAÇÃO ACADÊMICA COORDENAÇÃO DE ATENDIMENTO E REGISTROS ACADÊMICOS ANEXO COMPLEMENTAR II EDITAL 2015 PROCESSO SELETIVO PARA ACESSO AOS CURSOS DE

Leia mais

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS Documentação RELAÇÃO DE DOCUMENTOS Os documentos devem ser enviados pelos pré-selecionados, após a inscrição para a FAEL, no prazo definido no Cronograma do Processo Seletivo do Prouni 2015 (clique aqui

Leia mais

Ordem de Serviço PROGRAD n o 004, de 8 de novembro de 2012.

Ordem de Serviço PROGRAD n o 004, de 8 de novembro de 2012. UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - UNIRIO PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO - PROGRAD Ordem de Serviço PROGRAD n o 004, de 8 de novembro de 2012. Dispõe sobre a documentação necessária para a matrícula

Leia mais

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA COMPROVAÇÃO DE RENDA BOLSA PERMANÊNCIA DO MEC -

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA COMPROVAÇÃO DE RENDA BOLSA PERMANÊNCIA DO MEC - DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA COMPROVAÇÃO DE RENDA BOLSA PERMANÊNCIA DO MEC - ORIENTAÇÕES: a) Apresentar cópia simples dos documentos de todos os membros do grupo familiar (pessoas que vivem na mesma casa,

Leia mais

1. AÇÕES AFIRMATIVAS 2. DO CADASTRAMENTO DATA HORÁRIO LOCAL

1. AÇÕES AFIRMATIVAS 2. DO CADASTRAMENTO DATA HORÁRIO LOCAL EDITAL DE CADASTRAMENTO, REMANEJAMENTO E MATRÍCULA PARA CANDIDATOS CLASSIFICADOS NO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA O CURSO SUPERIOR DE LETRAS, COM HABILITAÇÃO EM LÍNGUA BRASILEIRA DE SINAIS (LIBRAS)/LÍNGUA

Leia mais

EDITAL Nº 20/2015/CAMPUS PORTO NACIONAL/IFTO, DE 05 DE JUNHO DE 2015.

EDITAL Nº 20/2015/CAMPUS PORTO NACIONAL/IFTO, DE 05 DE JUNHO DE 2015. EDITAL Nº 20/2015//IFTO, DE 05 DE JUNHO DE 2015. SELEÇÃO PARA CURSOS SUPERIORES DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO TOCANTINS 2015/2 REGULAMENTO SISU 2015/2 O DIRETOR GERAL PRO TEMPORE

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS ANEXO IV

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS ANEXO IV ANEXO IV DOCUMENTOS EXIGIDOS PARA OS CANDIDATOS APROVADOS PELA RESERVA DE VAGAS LEI 12.711 1. Não será aceita documentação incompleta. a) Modalidade 1 Reserva de Vagas: Escola Pública, Cor/Etnia e Renda

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO EDITAL Nº 08/2015

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO EDITAL Nº 08/2015 UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO EDITAL Nº 08/2015 CONVOCAÇÃO DE CANDIDATOS INSCRITOS NA LISTA DE ESPERA DO SISTEMA DE SELEÇÃO UNIFICADA/SiSU PARA PREENCHIMENTO DE VAGAS NÃO OCUPADAS NOS CURSOS

Leia mais

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 2ª edição de 2014

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 2ª edição de 2014 Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 2ª edição de 2014 1 - Dados cadastrais da Instituição de Educação Superior - IES

Leia mais

O MULTICULTURALISMO E OS DIREITOS DE COTAS NA EDUCAÇÃO.

O MULTICULTURALISMO E OS DIREITOS DE COTAS NA EDUCAÇÃO. O MULTICULTURALISMO E OS DIREITOS DE COTAS NA EDUCAÇÃO. SANTOS, Gustavo Abrahão Dos 1 A diversidade cultural entre os discentes nas escolas brasileiras é repleta de características sócio econômicas, aos

Leia mais

REQUERIMENTO PARA COMPROVAÇÃO DE RENDA - PROGRAMA DE AÇÕES AFIRMATIVAS SISTEMA DE COTAS

REQUERIMENTO PARA COMPROVAÇÃO DE RENDA - PROGRAMA DE AÇÕES AFIRMATIVAS SISTEMA DE COTAS REQUERIMENTO PARA COMPROVAÇÃO DE RENDA - PROGRAMA DE AÇÕES AFIRMATIVAS SISTEMA DE COTAS Para candidatos aprovados como Estudante de escola pública pertencente a família de renda familiar bruta por pessoa

Leia mais

II. Determinar que referida lista seja utilizada, também, para a comprovação de renda de candidatos que solicitarem isenção para o PSV-2015/UFGD.

II. Determinar que referida lista seja utilizada, também, para a comprovação de renda de candidatos que solicitarem isenção para o PSV-2015/UFGD. EDITAL DE DIVULGAÇÃO PROGRAD/UFGD Nº 49 DE 10 DE SETEMBRO DE 2014 DIVULGA A LISTA DE DOCUMENTOS EXIGIDOS PARA ANÁLISE E COMPROVAÇÃO DA RENDA FAMILIAR PER CAPITA DE CANDIDATOS INSCRITOS NO PROCESSO SELETIVO

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO SECRETARIA DOS ÓRGÃOS COLEGIADOS

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO SECRETARIA DOS ÓRGÃOS COLEGIADOS DELIBERAÇÃO Nº 02/CEPE, DE 06 DE JANEIRO DE 2015 O DA UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO (CEPE), tendo em vista a decisão tomada em sua 331ª Reunião Ordinária, realizada em 15 de dezembro de

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SISU 2ª EDIÇÃO DE 2015 COMUNICADO OFICIAL Nº 11

PROCESSO SELETIVO SISU 2ª EDIÇÃO DE 2015 COMUNICADO OFICIAL Nº 11 UFF UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PROGRAD PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO DAE DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO ESCOLAR COSEAC COORDENAÇÃO DE SELEÇÃO ACADÊMICA PROCESSO SELETIVO SISU 2ª EDIÇÃO DE 2015 COMUNICADO

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE FURG PROCESSO SELETIVO 2015

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE FURG PROCESSO SELETIVO 2015 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE FURG PROCESSO SELETIVO 2015 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2015 PARA INGRESSO NO CURSO DE GRADUAÇÃO DE HISTÓRIA LICENCIATURA (MODALIDADE EDUCAÇÃO

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO. EDITAL COMPLEMENTAR N o 29/2015

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO. EDITAL COMPLEMENTAR N o 29/2015 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO EDITAL COMPLEMENTAR N o 29/2015 CONVOCAÇÃO DE CANDIDATOS INSCRITOS NA LISTA DE ESPERA DO SISTEMA DE SELEÇÃO UNIFICADA (SiSU) PARA PREENCHIMENTO

Leia mais

EDITAL N. 01/2015 2. DA DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA ACESSO AOS BENEFÍCIOS DA ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL

EDITAL N. 01/2015 2. DA DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA ACESSO AOS BENEFÍCIOS DA ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL EDITAL N. 01/2015 Dispõe sobre a concessão de benefícios sociais a alunos do Câmpus Gravataí, mediante a realização de estudo socioeconômico, conforme previsto no Regulamento da Política de Assistência

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO EDITAL Nº 19/2015-PROGRAD PROCESSO SELETIVO PARA O PREENCHIMENTO DE VAGAS REMANESCENTES NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA UFAC DE

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO CENTRO DE SELEÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO CENTRO DE SELEÇÃO EDITAL Nº 15/2014 PROGRAMA DE ISENÇÃO DO PAGAMENTO DE INSCRIÇÃO PARA O PROCESSO SELETIVO 2014-2 O Reitor da Universidade Federal de Goiás, por meio do Centro de Seleção da UFG, no uso de suas atribuições,

Leia mais

DOCUMENTOS QUE DEVEM SER APRESENTADOS NO MOMENTO DA COMPROVAÇÃO DE INFORMAÇÕES PELO CANDIDATO OU MEMBRO DO GRUPO FAMILIAR 1.

DOCUMENTOS QUE DEVEM SER APRESENTADOS NO MOMENTO DA COMPROVAÇÃO DE INFORMAÇÕES PELO CANDIDATO OU MEMBRO DO GRUPO FAMILIAR 1. DOCUMENTOS QUE DEVEM SER APRESENTADOS NO MOMENTO DA COMPROVAÇÃO DE INFORMAÇÕES PELO CANDIDATO OU MEMBRO DO GRUPO FAMILIAR 1. A documentação deve estar completa e ser apresentada na ordem descrita abaixo.

Leia mais

ANEXO V DOCUMENTOS EXIGIDOS PARA A BOLSA SOCIAL

ANEXO V DOCUMENTOS EXIGIDOS PARA A BOLSA SOCIAL ANEXO V DOCUMENTOS EXIGIDOS PARA A BOLSA SOCIAL 1. INFORMAÇÕES GERAIS Para participar da entrevista de avaliação socioeconômica é necessário apresentar os documentos abaixo relacionados (com cópia autenticada),

Leia mais

PERGUNTAS E RESPOSTAS:

PERGUNTAS E RESPOSTAS: PERGUNTAS E RESPOSTAS: 1. Na falta de algum documento por ocasião do Registro Acadêmico perderei minha vaga? R.: Sim, porém, excepcionalmente, mediante justificativa fundamentada e comprovada (Boletim

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MEC - SETEC INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO PRÓ-REITORIA DE ENSINO - PROEN

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MEC - SETEC INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO PRÓ-REITORIA DE ENSINO - PROEN 0 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MEC - SETEC INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO PRÓ-REITORIA DE ENSINO - PROEN EDITAL N 043 DE 15 DE JUNHO DE 2015 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO DE ESTUDANTES

Leia mais

EDITAL Nº 06/2012 DISPÕE SOBRE O PROCESSO SELETIVO PARA BOLSAS DE ESTUDO NA ESCOLA SUPERIOR DE GESTÃO COMERCIAL E MARKETING ESIC.

EDITAL Nº 06/2012 DISPÕE SOBRE O PROCESSO SELETIVO PARA BOLSAS DE ESTUDO NA ESCOLA SUPERIOR DE GESTÃO COMERCIAL E MARKETING ESIC. EDITAL Nº 06/2012 DISPÕE SOBRE O PROCESSO SELETIVO PARA BOLSAS DE ESTUDO NA ESCOLA SUPERIOR DE GESTÃO COMERCIAL E MARKETING ESIC. A Escola Superior de Gestão Comercial e Marketing ESIC, mantido pela Associação

Leia mais

PORTARIA GR nº 273/2015

PORTARIA GR nº 273/2015 PORTARIA GR nº 273/2015 Regulamenta a Concessão de Bolsa de Estudo Demanda Social no âmbito da Universidade Católica de Santos UniSantos O Reitor da Universidade Católica de Santos - UniSantos, no uso

Leia mais

Edital Bolsa Paulo Freire Regulamenta a concessão de bolsas de estudo para o período 2016.

Edital Bolsa Paulo Freire Regulamenta a concessão de bolsas de estudo para o período 2016. 1 Edital Bolsa Paulo Freire Regulamenta a concessão de bolsas de estudo para o período 2016. A administração do Curso Pré Vestibular Paulo Freire, no uso de suas atribuições, anuncia que estarão abertas,

Leia mais

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 1º edição de 2013

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 1º edição de 2013 Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 1º edição de 2013 1 - Dados cadastrais da Instituição de Educação Superior - IES

Leia mais

DOCUMENTAÇÃO QUE DEVE SER ENTREGUE NA FASE DE COMPROVAÇÃO: ProUni

DOCUMENTAÇÃO QUE DEVE SER ENTREGUE NA FASE DE COMPROVAÇÃO: ProUni DOCUMENTAÇÃO QUE DEVE SER ENTREGUE NA FASE DE COMPROVAÇÃO: ProUni Comparecer no Setor de Apoio ao Aluno (SAA) da unidade em que foi préselecionado na data e horário agendado, com todas as cópias e originais

Leia mais

LISTA DE DOCUMENTOS ProUni 2 º Semestre 2013

LISTA DE DOCUMENTOS ProUni 2 º Semestre 2013 LISTA DE DOCUMENTOS ProUni 2 º Semestre 2013 1. INFORMAÇÕES GERAIS 1.1 Os candidatos pré-selecionados deverão entregar cópia simples dos documentos adiante solicitados de todos aqueles que compõem a família.

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO CENTRO DE SELEÇÃO PROCESSO SELETIVO Sisu 2014-1

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO CENTRO DE SELEÇÃO PROCESSO SELETIVO Sisu 2014-1 UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO CENTRO DE SELEÇÃO PROCESSO SELETIVO Sisu 2014-1 EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA MATRÍCULA DA 1ª CHAMADA DA LISTA DE ESPERA O Reitor da Universidade Federal

Leia mais

1 - Documentos para matrícula e para comprovação das políticas de ações afirmativas

1 - Documentos para matrícula e para comprovação das políticas de ações afirmativas 1 - e para comprovação das políticas de ações afirmativas 1.1 - Ampla concorrência: Histórico Escolar do Ensino Médio (original e cópia); 1.2 - Vagas reservadas - Lei nº 12.711/2012: Candidatos com renda

Leia mais

DOCUMENTOS PARA COMPROVAÇÃO DE INFORMAÇÕES PROCESSO SELETIVO PROUNI. 1 - Documentos de Escolaridade do Candidato (exclusivo para o candidato):

DOCUMENTOS PARA COMPROVAÇÃO DE INFORMAÇÕES PROCESSO SELETIVO PROUNI. 1 - Documentos de Escolaridade do Candidato (exclusivo para o candidato): Atenção Candidato! DOCUMENTOS PARA COMPROVAÇÃO DE INFORMAÇÕES PROCESSO SELETIVO PROUNI Na Fase de Comprovação você deverá apresentar cópia, acompanhada dos documentos originais abaixo solicitados. Para

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO E DO DESPORTO UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA PRÓ-REITORIA DE ASSUNTOS COMUNITÁRIOS DIVISÃO DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL SERVIÇO DE BOLSA EDITAL DE ISENÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO NO PROCESSO

Leia mais

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 2ª edição de 2015

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 2ª edição de 2015 Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 2ª edição de 2015 1 - Dados cadastrais da Instituição de Educação Superior - IES

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL Gabinete do Reitor PROCESSO SELETIVO UFFS/2015.2

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL Gabinete do Reitor PROCESSO SELETIVO UFFS/2015.2 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL Gabinete do Reitor EDITAL Nº 479UFFS2015 PROCESSO SELETIVO UFFS/2015.2 O REITOR PRO TEMPORE DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA FRONTEIRA SUL - UFFS,

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO CEARÁ

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO CEARÁ INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO CEARÁ Campus de Acaraú DEPARTAMENTO DE ENSINO SERVIÇO DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL RETIFICAÇÃO DO EDITAL INTERNO IFCE Nº 02/2015 SELEÇÃO PARA CONCESSÃO

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA - UFPB PRÓ- REITORIA DE GRADUAÇÃO - PRG COORDENAÇÃO DE ESCOLARIDADE - CODESC

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA - UFPB PRÓ- REITORIA DE GRADUAÇÃO - PRG COORDENAÇÃO DE ESCOLARIDADE - CODESC UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA - UFPB PRÓ- REITORIA DE GRADUAÇÃO - PRG COORDENAÇÃO DE ESCOLARIDADE - CODESC EDITAL PRG Nº. 005/2014 CADASTRAMENTO DOS CANDIDATOS SELECIONADOS PELO PS EAD 2014 ÀS VAGAS

Leia mais

Prezado(a) candidato(a),

Prezado(a) candidato(a), Prezado(a) candidato(a), Por favor, fique atento às informações a seguir, as quais garantirão o bom andamento do seu processo de comprovação de informações para o PROUNI na ULBRA. Dedique alguns minutos

Leia mais

1. Das Ações Afirmativas

1. Das Ações Afirmativas EDITAL DE CADASTRAMENTO, REMANEJAMENTO E MATRÍCULA PARA CANDIDATOS CLASSIFICA- DOS NO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA O CURSO SUPERIOR DE LETRAS, COM HABILI- TAÇÃO EM LÍNGUA BRASILEIRA DE SINAIS (LIBRAS)/LÍNGUA

Leia mais

ANEXO ÚNICO- EDITAL 2/2014 DOCUMENTAÇÃO MÍNIMA PARA REQUERIMENTO DOS AUXÍLIOS DO PROBEM

ANEXO ÚNICO- EDITAL 2/2014 DOCUMENTAÇÃO MÍNIMA PARA REQUERIMENTO DOS AUXÍLIOS DO PROBEM ANEXO ÚNICO- EDITAL 2/2014 DOCUMENTAÇÃO MÍNIMA PARA REQUERIMENTO DOS AUXÍLIOS DO PROBEM Para solicitar qualquer um dos benefícios o estudante deverá apresentar às Assistentes Sociais da PRAE/UAPS, na entrega

Leia mais

EDITAL Nº 38/2014, DE 21 DE MAIO DE

EDITAL Nº 38/2014, DE 21 DE MAIO DE SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS ISENÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO DO VESTIBULAR UFT/ 2014.2 EDITAL Nº 38/2014, DE 21 DE MAIO DE 2014 A Universidade Federal do Tocantins torna público

Leia mais

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA COMPROVAÇÃO DE DADOS DO CANDIDATO, DO FIADOR E DOS MEMBROS DO GRUPO FAMILIAR.

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA COMPROVAÇÃO DE DADOS DO CANDIDATO, DO FIADOR E DOS MEMBROS DO GRUPO FAMILIAR. RELAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA COMPROVAÇÃO DE DADOS DO CANDIDATO, DO FIADOR E DOS MEMBROS DO GRUPO FAMILIAR. Documentos de Identificação: - Carteira de Identidade ou Carteira Nacional de Habilitação, no prazo

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA INSCRIÇÃO NO PROGRAMA BOLSA PERMANÊNCIA

ORIENTAÇÕES PARA INSCRIÇÃO NO PROGRAMA BOLSA PERMANÊNCIA ORIENTAÇÕES PARA INSCRIÇÃO NO PROGRAMA BOLSA PERMANÊNCIA Após realizar o pré-cadastro no Sistema PBP, (permanencia.gov.mec.br) o estudante deve fazer o seguinte: 1. Imprimir, assinar o Termo de Compromisso,

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS EDITAL N 0 43/2015 de 01/04/2015 PROGRAMA DE ISENÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO AOS CURSOS DE GRADUAÇÃO 2º

Leia mais

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 2º edição de 2013

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 2º edição de 2013 Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 2º edição de 2013 1 - Dados cadastrais da Instituição de Educação Superior - IES

Leia mais

PROGRAMA DE BOLSA DE ESTUDOS - FPTE 2015

PROGRAMA DE BOLSA DE ESTUDOS - FPTE 2015 PROGRAMA DE BOLSA DE ESTUDOS - FPTE 2015 A FUNDAÇÃO PAULISTA DE TECNOLOGIA E EDUCAÇÃO, define os procedimentos, critérios e normas para a seleção de candidatos e renovação às bolsas de estudo integrais

Leia mais

Edital Nº 19/2014 Auxílio Apoio Pedagógico a Estudantes em Situação de Vulnerabilidade Social (baixa renda, indígenas, negros e pardos)

Edital Nº 19/2014 Auxílio Apoio Pedagógico a Estudantes em Situação de Vulnerabilidade Social (baixa renda, indígenas, negros e pardos) Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul - Câmpus Sertão Edital Nº 19/2014 Auxílio Apoio Pedagógico a Estudantes em Situação de Vulnerabilidade Social (baixa renda, indígenas,

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE LINS - UNILINS

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE LINS - UNILINS CENTRO UNIVERSITÁRIO DE LINS - UNILINS Regulamentação do Processo Seletivo para Concessão de Bolsa de Estudo Gratuidade. O presente documento regulamenta os procedimentos e os critérios empregados na seleção

Leia mais

EDITAL Nº 04/2015 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NOS CURSOS TÉCNICOS 2016/1

EDITAL Nº 04/2015 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NOS CURSOS TÉCNICOS 2016/1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA GOIANO - CÂMPUS RIO VERDE EDITAL Nº 04/2015 PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO

Leia mais

Relação de documentos exigidos para processo de Bolsa de Estudo FAPCOM 2015

Relação de documentos exigidos para processo de Bolsa de Estudo FAPCOM 2015 Relação de documentos exigidos para processo de Bolsa de Estudo FAPCOM 2015 IMPORTANTE: esta é uma ótima oportunidade para obter uma Bolsa de Estudo na FAPCOM e, para tanto, solicitamos sua atenção para

Leia mais

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS ACEITOS PARA FINS COMPROBATÓRIOS I. DOCUMENTO DE IDENTIFICAÇÃO UM)

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS ACEITOS PARA FINS COMPROBATÓRIOS I. DOCUMENTO DE IDENTIFICAÇÃO UM) PARA ALUNOS EM SITUAÇÃO DE VULNERABILIDADE SOCIOECONÔMICA No ato da apresentação dos documentos comprobatórios obrigatórios deverão ser apresentados os originais e cópias dos mesmos OU cópias autenticadas

Leia mais

ANEXO IV ROL DE DOCUMENTOS PARA COMPROVAÇÃO DA RENDA FAMILIAR MENSAL DOS CANDIDATOS OPTANTES PELAS CATEGORIAS DE CONCORRÊNCIA ATÉ 1,5 SALÁRIOS MÍNIMOS

ANEXO IV ROL DE DOCUMENTOS PARA COMPROVAÇÃO DA RENDA FAMILIAR MENSAL DOS CANDIDATOS OPTANTES PELAS CATEGORIAS DE CONCORRÊNCIA ATÉ 1,5 SALÁRIOS MÍNIMOS ANEXO IV ROL DE DOCUMENTOS PARA COMPROVAÇÃO DA RENDA FAMILIAR MENSAL DOS CANDIDATOS OPTANTES PELAS CATEGORIAS DE CONCORRÊNCIA ATÉ 1,5 SALÁRIOS MÍNIMOS. ESSA DOCUMENTAÇÃO DEVERÁ SER APRESENTADA PARA A REALIZAÇÃO

Leia mais

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 1º edição de 2013

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 1º edição de 2013 Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 1º edição de 2013 1 - Dados cadastrais da Instituição de Educação Superior - IES

Leia mais

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA SOLICITAÇÃO DE BOLSA DE ESTUDO NÃO RESTITUÍVEL (BOLSA FILANTRÓPICA)

RELAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA SOLICITAÇÃO DE BOLSA DE ESTUDO NÃO RESTITUÍVEL (BOLSA FILANTRÓPICA) RELAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA SOLICITAÇÃO DE BOLSA DE ESTUDO NÃO RESTITUÍVEL (BOLSA FILANTRÓPICA) 1. INFORMAÇÕES GERAIS 1.1 Será concedida a Bolsa Filantrópica com base nos critérios básicos consignados nos

Leia mais

PROGRAMA UNIVERSIDADE PARA TODOS- PROUNI PROCESSO SELETIVO PROUNI PARA 2015/2

PROGRAMA UNIVERSIDADE PARA TODOS- PROUNI PROCESSO SELETIVO PROUNI PARA 2015/2 FAHESA - Faculdade de Ciências Humanas, Econômicas e da Saúde de Araguaína ITPAC - INSTITUTO TOCANTINENSE PRESIDENTE ANTÔNIO CARLOS LTDA. Av. Filadélfia, 568 Setor Oeste Araguaína TO CEP 77.816-540 Fone:

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZON AS PRÓ-REITORIA PARA ASSUNTOS COMUNITARIOS DEPARTAMANTO DE APOIO AO ESTUDANTE PROGRAMA BOLSA TRABLHO EDITAL Nº 001/2013

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZON AS PRÓ-REITORIA PARA ASSUNTOS COMUNITARIOS DEPARTAMANTO DE APOIO AO ESTUDANTE PROGRAMA BOLSA TRABLHO EDITAL Nº 001/2013 UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZON AS PRÓ-REITORIA PARA ASSUNTOS COMUNITARIOS DEPARTAMANTO DE APOIO AO ESTUDANTE PROGRAMA BOLSA TRABLHO EDITAL Nº 001/2013 A PRÓ-REITORA DE ASSUNTOS COMUNITÁRIOS DA UNIVERSIDADE

Leia mais

PROGRAMA BOLSA PERMANÊNCIA (PBP) DO MINISTÉIO DA EDUCAÇÃO

PROGRAMA BOLSA PERMANÊNCIA (PBP) DO MINISTÉIO DA EDUCAÇÃO PRÓ-REITORIA DE ASSISTÊNCIA E PROMOÇÃO AO ESTUDANTE PROGRAMA BOLSA PERMANÊNCIA (PBP) DO MINISTÉIO DA EDUCAÇÃO (Instituído pela Portaria MEC n.º 389, de 9 de maio de 2013) MANUAL DE GESTÃO DO PBP NA UFPB

Leia mais

Relação de documentos necessários para inscrição no processo seletivo do edital PROAE 02/2015

Relação de documentos necessários para inscrição no processo seletivo do edital PROAE 02/2015 Relação de documentos necessários para inscrição no processo seletivo do edital PROAE 02/2015 1. PARA ESTUDANTES CADASTRADOS NA PROAE 1.1. HÁ MAIS DE 1 ANO Formulário de inscrição devidamente preenchido

Leia mais

EDITAL Nº 142 DE 03 DE NOVEMBRO DE 2015 ORIENTAÇÕES PARA MATRÍCULA DOS(AS) CANDIDATOS(AS) APROVADOS(AS) NO EXAME DE SELEÇÃO/VESTIBULAR IFPE 2016

EDITAL Nº 142 DE 03 DE NOVEMBRO DE 2015 ORIENTAÇÕES PARA MATRÍCULA DOS(AS) CANDIDATOS(AS) APROVADOS(AS) NO EXAME DE SELEÇÃO/VESTIBULAR IFPE 2016 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE PERNAMBUCO REITORIA EDITAL Nº 142 DE 03 DE NOVEMBRO DE 2015 ORIENTAÇÕES PARA MATRÍCULA DOS(AS) CANDIDATOS(AS) APROVADOS(AS)

Leia mais

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 1ª edição de 2015

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 1ª edição de 2015 Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 1ª edição de 2015 1 - Dados cadastrais da Instituição de Educação Superior - IES

Leia mais

A caracterização dos cursos participantes deste Edital encontra-se disponível no endereço eletrônico www.coperse.furg.br.

A caracterização dos cursos participantes deste Edital encontra-se disponível no endereço eletrônico www.coperse.furg.br. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE FURG PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO EDITAL DO PROCESSO SELETIVO UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL UAB/2013 MODALIDADE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA 1 - ABERTURA

Leia mais

DOCUMENTOS COMPROBATÓRIOS PARA CONCESSÃO DE BOLSA SOCIAL

DOCUMENTOS COMPROBATÓRIOS PARA CONCESSÃO DE BOLSA SOCIAL DOCUMENTOS COMPROBATÓRIOS PARA CONCESSÃO DE BOLSA SOCIAL O responsável legal pelo educando deverá apresentar os documentos abaixo relacionados; de todo os membros do grupo familiar onde o aluno esta inserido,

Leia mais

EDITAL Nº. 10/2014-PROEN/IFRN PROCESSO SELETIVO PARA CURSOS SUPERIORES DE GRADUAÇÃO 1º SEMESTRE LETIVO DE 2014

EDITAL Nº. 10/2014-PROEN/IFRN PROCESSO SELETIVO PARA CURSOS SUPERIORES DE GRADUAÇÃO 1º SEMESTRE LETIVO DE 2014 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE PRO-REITORIA DE ENSINO COORDENAÇÃO DE ACESSO DISCENTE

Leia mais

Documentação - PROUNI

Documentação - PROUNI Documentação - PROUNI Documentação que deve ser apresentada (original e fotocópia), do candidato e membros do grupo familiar, quando for o caso, na Fase de Comprovação de Informações: Documento de identificação

Leia mais

PORTARIA Nº 567/PROGRAD/UFSC, DE 30 DE SETEMBRO DE 2013.

PORTARIA Nº 567/PROGRAD/UFSC, DE 30 DE SETEMBRO DE 2013. SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA Pró-Reitoria de Graduação Gabinete da Pró-Reitora Campus Prof. João David Ferreira Lima CEP 88040-900 Trindade - Florianópolis - Santa Catarina

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO REITORIA PROCESSO SELETIVO 2015

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO REITORIA PROCESSO SELETIVO 2015 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO REITORIA PROCESSO SELETIVO 2015 EDITAL N.º 02/2015 de 07 de janeiro de 2015 COMPLEMENTAR ao EDITAL N.º 01/2015 de 05/01/2015/REITORIA

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS CRONOGRAMA DE MATRÍCULA ENSINO TÉCNICO 2016/1

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS CRONOGRAMA DE MATRÍCULA ENSINO TÉCNICO 2016/1 CRONOGRAMA DE MATRÍCULA ENSINO TÉCNICO 2016/1 TODOS OS CANDIDATOS DEVERÃO PREENCHER E IMPRIMIR O FORMULÁRIO DE PRÉ-MATRÍCULA QUE ESTARÁ DISPONÍVEL NO SITE www.copeve.cefetmg.br DO DIA 15 DE DEZEMBRO DE

Leia mais

1º EDITAL UNIFICADO PARA EDUCAÇÃO BÁSICA CONCESSÃO DA BOLSA SOCIAL DE ESTUDO PARA O ANO LETIVO DE 2016

1º EDITAL UNIFICADO PARA EDUCAÇÃO BÁSICA CONCESSÃO DA BOLSA SOCIAL DE ESTUDO PARA O ANO LETIVO DE 2016 CHECKLIST Conferência de Documentos Bolsa Social de Estudo (Concessão) Nº DO PROCESSO: DATA: ALUNO: MATRÍCULA: SÉRIE: Quantidade de Membros: ANO: DOCUMENTOS RG e CPF De todos os membros maiores de 18 anos.

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA O PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL NA MODALIDADE AUXÍLIO TRANSPORTE EDITAL Nº 01/2014

PROCESSO SELETIVO PARA O PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL NA MODALIDADE AUXÍLIO TRANSPORTE EDITAL Nº 01/2014 PROCESSO SELETIVO PARA O PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA ESTUDANTIL NA MODALIDADE AUXÍLIO TRANSPORTE EDITAL Nº 01/2014 O Diretor Geral do Colégio Universitário da Universidade Federal do Maranhão no uso de suas

Leia mais

EDITAL Nº 2, DE 08 DE DEZEMBRO DE 2015. Bolsa de estudos para ingressantes 2016/01 nos Cursos Técnicos do Colégio Tecnológico da AERP

EDITAL Nº 2, DE 08 DE DEZEMBRO DE 2015. Bolsa de estudos para ingressantes 2016/01 nos Cursos Técnicos do Colégio Tecnológico da AERP EDITAL Nº 2, DE 08 DE DEZEMBRO DE 2015. Bolsa de estudos para ingressantes 2016/01 nos Cursos Técnicos do Colégio Tecnológico da AERP A Associação de Ensino de Ribeirão Preto AERP, mantenedora do Colégio

Leia mais

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 2ª edição de 2015

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 2ª edição de 2015 Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 2ª edição de 2015 1 - Dados cadastrais da Instituição de Educação Superior - IES

Leia mais