Divisão Técnica Acadêmica

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Divisão Técnica Acadêmica"

Transcrição

1

2 Divisão Técnica Acadêmica Competência Dar suporte técnico e administrativo às atividades de ensino, pesquisa e extensão, orientando, organizando, registrando e mantendo o controle das atividades dos Cursos oferecidos na Unidade, da carreira docente e dos convênios acadêmicos.

3 FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA Organograma Seção Técnica Acadêmica Divisão Técnica Acadêmica Seção Técnica de Graduação e Pós- Graduação Seção Técnica de Apoio à Pesquisa, Ensino e Extensão Seção Técnica de Graduação Seção Técnica de Pós- Graduação Conselho de Estágio Curricular Escritório de Pesquisa e Relações Internacionais Ponto de Apoio FAPESP

4 Diretoria Técnica Acadêmica ADÉLIA BARRETO CLARO DA SILVA Diretor Técnico de Divisão TATIANA MAXIMINO DE MENEZES PASSOS Assessor Administrativo I

5 Diretoria Técnica Acadêmica Principais atribuições: Assessorar os órgãos colegiados e a direção; Planejar, orientar, supervisionar as atividades da STGPG e da STAEPE; Planejar as solenidades de colação de grau e posse; Participar do processo de avaliação institucional AVINST; Relatório anual/trienal - controlar e informar processos; Dar suporte aos programas de mobilidade docente e discente;

6 Divisão Técnica Acadêmica Controlar mandados; Dar suporte aos processos seletivos de bolsistas; Orientar e tramitar processos de Pós-Doutorado; Concurso de Livre-Docência; Orientar e tramitar processos de convênios; Projetos de extensão, cursos e eventos cadastrados na PROEX; Prestação de Serviço Voluntário;

7 Divisão Técnica Acadêmica Gerenciar/realizar eleições dos colegiados centrais e da unidade; Realizar análise técnica dos processo da área de atuação; Elaborar editais, portarias, regulamentos, pautas, atas, ofícios, certificados, etc.; Prestar informações à comunidade interna e externa; Acompanhar as publicações do Diário Oficial; Cumprir e fazer cumprir leis, decretos, resoluções,...

8 Seção Técnica de Graduação e Pós-Graduação DANIELA MANZATTI SOARES DANELUSSI Supervisor Técnico de Seção ISABELLA BERALDO ANTONELLO Assistente Administrativo II JOELMIR OLIVEIRA CARDOSO Assistente Administrativo II

9 Seção Técnica de Graduação e Pós-Graduação Atua na vida acadêmica do aluno desde sua 1.ª matrícula até a entrega do diploma. Além disso, oferece atendimento aos docentes e público em geral, nas questões relacionadas às atividades acadêmicas da Faculdade.

10 Seção Técnica de Graduação e Pós-Graduação Principais atribuições: Assistir o Conselho de Curso de Graduação, de Pós-Graduação, de Residência e Aprimoramento e Conselho de Estágios; Realizar os procedimentos para matrícula dos alunos; Manter atualizados os registros e prontuários dos alunos; Elaborar proposta de calendário escolar e horário de aulas; Vagas e normas para transferência;

11 Seção Técnica de Graduação e Pós-Graduação Contatar as Empresas/Instituições para viabilizar os estágios; Planejar, organizar, controlar os registros de estágio dos alunos; Atuar junto às Bancas de Arguição dos Estágios; Organização da cerimônia de colação de grau; Expedição e registro de Diplomas; Estágio docência dos alunos da Pós-Graduação;

12 Seção Seção Técnica Técnica de de Graduação Graduação e Pós-Graduação e Pós-Graduação Bolsas de estudos CAPES/PEC-PG/PDSE; Exames de qualificação e defesas de dissertação e tese; Intercâmbios nacionais e internacionais; Coletar dados para os relatórios anuais da Capes; Pautas, atas e deliberações das reuniões dos Conselhos dos cursos e Conselho de Estágios; Portarias, editais, atestados, históricos escolares, certificados;

13 Seção Técnica de Graduação e Pós-Graduação Criação ou reestruturação curricular de cursos de graduação; Efetuar procedimentos relativos a Avaliação do curso ENADE; Pedidos de reconhecimento de curso ou renovação; Controlar prazos para renovação do reconhecimento dos cursos; Monitoria; Atualizar site.

14 Seção Técnica de Apoio ao Ensino, Pesquisa e Extensão Alexandre Naba Supervisor Técnico de Seção Silvia Carvalho de Britto Souza Assistente Administrativo II José Luiz Doná Assistente Operacional

15 Seção Técnica de Apoio ao Ensino, Pesquisa e Extensão Principais atribuições: Realizar e administrar o agendamento e a utilização de salas, laboratórios e anfiteatros; Realizar a abertura e fechamento de salas de aulas; Instalar, ligar/desligar equipamentos das salas de aulas; Detectar possíveis problemas nas salas de aulas; Fazer RMS para manutenção preventiva e/ou de reparos dos equipamentos; Colaborar na organização de Congressos e eventos;

16 Seção Técnica de Apoio ao Ensino, Pesquisa e Extensão Fotografar eventos acadêmicos e administrativos da Unidade; Colaborar na divulgação dos eventos realizados; Ponto de apoio FAPESP Realizar atividades do escritório de pesquisa; Colaborar com ERI/AREX Impressão e entrega de certificados de eventos; Prestar assistência aos alunos e docentes na central de salas de aulas.

17 CURSOS: Graduação: Medicina Veterinária = 233 alunos Stricto sensu: Mestrado e Doutorado em Ciência Animal = 111 alunos Lato sensu: Residência Profissional em área da Saúde = 10 alunos Aprimoramento em Práticas Hospitalares = 21 alunos

18 Subordinada à: Pró-Reitoria de Graduação Pró-Reitoria de Pós-Graduação Pró-Reitoria de Pesquisa Pró-Reitoria de Extensão Universitária Secretaria Geral AREX

19 Sistemas institucionais vinculados à Área Acadêmica: SISGRAD SISPG Egressos -Sempre UNESP AVINST Avaliação institucional CIC Congresso de Iniciação Científica PIBIC/PIBITI Congresso de Extensão SISPROEX Proex Cadastro de Cursos e eventos Registro de diplomas Eleições e-voto UNESP Arex mobilidade estudantil Pós-Doutorado

20 Compromisso: Prestar atendimento de qualidade Desafio: Recursos humanos

21

PROGRAMA ASSOCIADO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM FONOAUDIOLOGIA UFPB/UFRN

PROGRAMA ASSOCIADO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM FONOAUDIOLOGIA UFPB/UFRN RESOLUÇÃO Nº 04 - PPGFON, 16 de fevereiro de 2017 Dispõe sobre as atribuições do coordenador, vice-coordenador e secretário do Programa Associado de Pós-Graduação em Fonoaudiologia RESOLVE: O COLEGIADO

Leia mais

Universidade Federal do Oeste do Pará PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA

Universidade Federal do Oeste do Pará PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA Universidade Federal do Oeste do Pará PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA 1. Quais são os requisitos para obtenção de bolsa monitoria? a) o discente deve estar regularmente matriculado no período letivo em

Leia mais

CONHECENDO A UFRRJ: um olhar mais próximo da estrutura física, organizacional, funcional e cultural da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro.

CONHECENDO A UFRRJ: um olhar mais próximo da estrutura física, organizacional, funcional e cultural da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. CONHECENDO A UFRRJ: um olhar mais próximo da estrutura física, organizacional, funcional e cultural da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. Pró-Reitoria de Pesquisa e Pósgraduação (PROPPG) Pró-Reitor:

Leia mais

Atribuições das Decanias, Direção de Unidade Acadêmicas, Chefias de Departamento e Coordenação de Curso

Atribuições das Decanias, Direção de Unidade Acadêmicas, Chefias de Departamento e Coordenação de Curso Atribuições das Decanias, Direção de Unidade Acadêmicas, Chefias de Departamento e Coordenação de Curso Reunião de 01/11/2012 Considerando o atual Regimento interno da UNIRIO Acréscimo de novas atribuições

Leia mais

Diário Oficial Estado de São Paulo

Diário Oficial Estado de São Paulo Diário Oficial Estado de São Paulo Poder Executivo Seção I Geraldo Alckmin - Governador Palácio dos Bandeirantes Av. Morumbi, 4.500 - Morumbi - CEP 05698-900 - Fone: 2193-8000 Volume 127 - Número 60 -

Leia mais

PET-Curso Química do IQAr

PET-Curso Química do IQAr EDITAL PARA O PROCESSO DE SELEÇÃO DE TUTOR DO PET Março de 2017 PET-Curso Química do IQAr PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL - PET INSTITUTO DE QUÍMICA - UNESP ARARAQUARA SP Edital /2017 Seleção de Tutor Acham-se

Leia mais

PORTARIA Nº 94, de 03 de novembro de 2015.

PORTARIA Nº 94, de 03 de novembro de 2015. PORTARIA Nº 94, de 03 de novembro de 2015. Estabelece normas para intercâmbio nacional (convenio entre as Universidades Estaduais Paulista USP, Unesp e Unicamp) e intercambio internacional nos Cursos de

Leia mais

ANEXO VI PORTARIA CONJUNTA SAD/UPE Nº 70, DE 03 DE JULHO DE 2012 TABELA DE PONTUAÇÃO PARA JULGAMENTO DE TÍTULOS E DE CURRÍCULO. Títulos Acadêmicos

ANEXO VI PORTARIA CONJUNTA SAD/UPE Nº 70, DE 03 DE JULHO DE 2012 TABELA DE PONTUAÇÃO PARA JULGAMENTO DE TÍTULOS E DE CURRÍCULO. Títulos Acadêmicos 1 ANEXO VI PORTARIA CONJUNTA SAD/UPE Nº 70, DE 03 DE JULHO DE 2012 TABELA DE PONTUAÇÃO PARA JULGAMENTO DE TÍTULOS E DE CURRÍCULO Julgamento dos Títulos e do Currículo. Essa prova tem peso 02 (dois). Pontuação

Leia mais

Universidade Estadual do Centro-Oeste UNICENTRO Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação

Universidade Estadual do Centro-Oeste UNICENTRO Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação PÓS-GRADUAÇÃO Lato Sensu Stricto Sensu Especialização Mestrado Doutorado - Lato Sensu => sentido amplo, mais abrangente. As pesquisas são direcionadas para a resolução de novos problemas mas aplicando

Leia mais

NORMAS COMPLEMENTARES AO REGIMENTO INTERNO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM HISTÓRIA REGIONAL E LOCAL CAMPUS V

NORMAS COMPLEMENTARES AO REGIMENTO INTERNO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM HISTÓRIA REGIONAL E LOCAL CAMPUS V Universidade do Estado da Bahia UNEB Reconhecida pela portaria ministerial n º 909 de 31 07 95 Departamento de Ciências Humanas/Campus V Santo Antonio de Jesus Programa de Pós-Graduação em História Regional

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 40/2010, DE 21 DE DEZEMBRO DE 2010, DO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO (CEPE) DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS - UNIFAL-MG

RESOLUÇÃO Nº 40/2010, DE 21 DE DEZEMBRO DE 2010, DO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO (CEPE) DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS - UNIFAL-MG MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Universidade Federal de Alfenas - UNIFAL-MG Rua Gabriel Monteiro da Silva, 700 37130-00 Alfenas - MG RESOLUÇÃO Nº 40/2010, DE 21 DE DEZEMBRO DE 2010, DO CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE MINEIROS UNIFIMES POLÍTICA DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU STRICTO SENSU

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE MINEIROS UNIFIMES POLÍTICA DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU STRICTO SENSU CENTRO UNIVERSITÁRIO DE MINEIROS UNIFIMES POLÍTICA DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU STRICTO SENSU Mineiros Goiás 2015 Reitora Ita de Fátima Dias Silva Vice-Reitora Marilaine de Sá Fernandes Pró-Reitor de Administração

Leia mais

Edital nº1 / RETIFICADO

Edital nº1 / RETIFICADO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO INSTITUTO MULTIDISCIPLINAR CURSO PREPARATÓRIO PARA O ENEM Av. Governador Roberto Silveira S/N - CEP: 26020-740

Leia mais

FACULDADE DE CIÊNCIAS BIOMÉDICAS DE CACOAL-FACIMED Autorizado Portaria Nº 306, de 20 de maio de Regulamento das Atividades Complementares

FACULDADE DE CIÊNCIAS BIOMÉDICAS DE CACOAL-FACIMED Autorizado Portaria Nº 306, de 20 de maio de Regulamento das Atividades Complementares FACULDADE DE CIÊNCIAS BIOMÉDICAS DE CACOAL-FACIMED Autorizado Portaria Nº 306, de 20 de maio de 2014 CURSO DE BACHARELADO EM ARQUITETURA E URBANISMO Cacoal - RO 2016 2 ATIVIDADES COMPLEMENTARES As Atividades

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO PÚBLICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO PÚBLICA UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO PÚBLICA RESOLUÇÃO CSTGP Nº 03/2015 Regulamenta os Conteúdos Complementares Flexíveis do Curso

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E ESTUDO DE PORTO FERREIRA

ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E ESTUDO DE PORTO FERREIRA ASSOCIAÇÃO DE ESCOLAS REUNIDAS ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA E ESTUDO DE PORTO FERREIRA ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE TECNÓLOGO EM SISTEMAS PARA INTERNET REGULAMENTO 2 REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

Leia mais

CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO DE TÍTULOS E TRABALHOS

CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO DE TÍTULOS E TRABALHOS UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS DEPARTAMENTO DE HISTÓRIA CONCURSO PÚBLICO DE TÍTULOS E PROVAS PARA PROVIMENTO DO CARGO DE PROFESSOR ADJUNTO, NÍVEL

Leia mais

I FORUM BRASILEIRO DOS COORDENADORES DE PROGRAMAS DE RESIDÊNCIA EM MEDICINA VETERINÁRIA/CNRMS/MEC ESTRUTURA E FUNÇÕES DA COREMU

I FORUM BRASILEIRO DOS COORDENADORES DE PROGRAMAS DE RESIDÊNCIA EM MEDICINA VETERINÁRIA/CNRMS/MEC ESTRUTURA E FUNÇÕES DA COREMU I FORUM BRASILEIRO DOS COORDENADORES DE PROGRAMAS DE RESIDÊNCIA EM MEDICINA ESTRUTURA E FUNÇÕES DA COREMU Profa. Gilcinéa de Cássia Santana Coordenadora da COREMU/UFMG COREMU RESOLUÇÃO Nº 2, DE 4 DE MAIO

Leia mais

CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO DE TÍTULOS E TRABALHOS EM CONCURSOS PÚBLICOS DE PROVAS E TÍTULOS DO DEPARTAMENTO DE HISTÓRIA

CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO DE TÍTULOS E TRABALHOS EM CONCURSOS PÚBLICOS DE PROVAS E TÍTULOS DO DEPARTAMENTO DE HISTÓRIA UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS DEPARTAMENTO DE HISTÓRIA CRITÉRIOS PARA AVALIAÇÃO DE TÍTULOS E TRABALHOS EM CONCURSOS PÚBLICOS DE PROVAS E TÍTULOS

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 177/2016-CEPE, DE 6 DE OUTUBRO DE 2016.

RESOLUÇÃO Nº 177/2016-CEPE, DE 6 DE OUTUBRO DE 2016. RESOLUÇÃO Nº 177/2016-CEPE, DE 6 DE OUTUBRO DE 2016. Aprova o Regulamento da Mobilidade discente na pós-graduação stricto sensu da Unioeste. O CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO da Universidade Estadual

Leia mais

PROPOSTA DE REGIMENTO INTERNO DIRETORIA DE PLANEJAMENTO E GESTÃO ACADÊMICA CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

PROPOSTA DE REGIMENTO INTERNO DIRETORIA DE PLANEJAMENTO E GESTÃO ACADÊMICA CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES PROPOSTA DE REGIMENTO INTERNO DIRETORIA DE PLANEJAMENTO E GESTÃO ACADÊMICA CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º A Diretoria de Planejamento e Gestão Acadêmica é um órgão vinculado à Pró-reitoria

Leia mais

CALENDÁRIO UNIVERSITÁRIO 2010 Aprovado pela Resolução n o 049/2009-CONSAD, 17 de dezembro de 2009.

CALENDÁRIO UNIVERSITÁRIO 2010 Aprovado pela Resolução n o 049/2009-CONSAD, 17 de dezembro de 2009. CALENDÁRIO UNIVERSITÁRIO 2010 Aprovado pela Resolução n o 049/2009-CONSAD, 17 de dezembro de 2009. DATAS LIMITES DOS PERÍODOS LETIVOS: 1 o Semestre: início 22/02/2010 2 o Semestre: início 09/08/2010 término

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 280/2006 CONSUNI (Alterada pela Resolução nº 24/2015-CONSUNI)

RESOLUÇÃO Nº 280/2006 CONSUNI (Alterada pela Resolução nº 24/2015-CONSUNI) RESOLUÇÃO Nº 280/2006 CONSUNI (Alterada pela Resolução nº 24/2015-CONSUNI) Dispõe sobre o Programa de Bolsas de Monitoria de Pós-Graduação PROMOP, da UDESC. O Presidente do Conselho Universitário - CONSUNI,

Leia mais

Resolução UNESP no. 84 de 29/06/2012, publicado DO 30/06/2012. TÍTULO I Do Programa

Resolução UNESP no. 84 de 29/06/2012, publicado DO 30/06/2012. TÍTULO I Do Programa REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ODONTOLOGIA ÁREAS DE PERIODONTIA, ENDODONTIA E IMPLANTODONTIA DA FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE ARARAQUARA DA UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JULIO DE MESQUITA FILHO

Leia mais

DEZEMBRO / dias letivos - Sábados letivos: 5, 12 e 19 - Belo Horizonte 14 dias letivos - Sábados letivos: 5, 12 e 19 - Montes Claros

DEZEMBRO / dias letivos - Sábados letivos: 5, 12 e 19 - Belo Horizonte 14 dias letivos - Sábados letivos: 5, 12 e 19 - Montes Claros DEZEMBRO / 2015 13 dias letivos - Sábados letivos: 5, 12 e 19 - Belo Horizonte 14 dias letivos - Sábados letivos: 5, 12 e 19 - Montes Claros 1 Início do período para Registro Acadêmico nos cursos de pós-graduação,

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA Faculdade de Ciências e Letras UNESP Câmpus de Assis

UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA Faculdade de Ciências e Letras UNESP Câmpus de Assis ANEXO À PORTARIA Nº 149/2012-D UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA Faculdade de Ciências e Letras UNESP Câmpus de Assis REGULAMENTAÇÃO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA TÍTULO I

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DA COMISSÃO DE RESIDÊNCIA MÉDICA DA FACULDADE DE MEDICINA DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO (COREME-FMUSP)

REGIMENTO INTERNO DA COMISSÃO DE RESIDÊNCIA MÉDICA DA FACULDADE DE MEDICINA DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO (COREME-FMUSP) REGIMENTO INTERNO DA COMISSÃO DE RESIDÊNCIA MÉDICA DA FACULDADE DE MEDICINA DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO (COREME-FMUSP) TÍTULO I - DA CATEGORIA, FINALIDADE E COMPETÊNCIA DA COMISSÃO E RESIDÊNCIA MÉDICA

Leia mais

TABELA DE PONTUAÇÃO DE PROGRESSÃO FUNCIONAL

TABELA DE PONTUAÇÃO DE PROGRESSÃO FUNCIONAL TABELA DE PONTUAÇÃO DE PROGRESSÃO FUNCIONAL CATEGORIA ATIVIDADE MÉTRICA PESO PONTUAÇÃO 1. ENSINO SUPERIOR 500 1.1 Turmas em disciplinas com =5

Leia mais

REGULAMENTO DO COLEGIADO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU

REGULAMENTO DO COLEGIADO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA ESCOLA DE ENFERMAGEM PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENFERMAGEM REGULAMENTO DO COLEGIADO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU SALVADOR 2014 2 CAPÍTULO I DOS OBJETIVOS Art.

Leia mais

DELIBERAÇÃO CONSAD N 038/2016

DELIBERAÇÃO CONSAD N 038/2016 DELIBERAÇÃO CONSAD N 038/2016 Dispõe sobre a fixação dos valores das taxas e emolumentos para os cursos de graduação presencial, semipresencial e a distância (EaD), de Pós-graduação, de Extensão e da Escola

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA QUÍMICA INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2013/DEQ

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA QUÍMICA INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2013/DEQ UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLOGIA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA QUÍMICA INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01/2013/DEQ Distribuição da carga horária de atividade docente no Departamento

Leia mais

Estabelece o Regimento do Programa de Pós- Graduação em Engenharia Mecânica

Estabelece o Regimento do Programa de Pós- Graduação em Engenharia Mecânica Estabelece o Regimento do Programa de Pós- Graduação em Engenharia O Colegiado do Programa de Pós-Graduação em Engenharia (PGMec), da Universidade Federal do Paraná, no uso de suas atribuições, RESOLVE:

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE MESTRADO PROFISSIONAL EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA EDITAL N 05/2013

PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE MESTRADO PROFISSIONAL EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA EDITAL N 05/2013 PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE MESTRADO PROFISSIONAL EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA EDITAL N 05/2013 PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU MESTRADO PROFISSIONAL EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA ABERTURA

Leia mais

CALENDÁRIO ESCOLAR 2015 CURSOS DE GRADUAÇÃO FMVZ Página 1 de 7 MATRÍCULAS (INGRESSANTES 2015, VETERANOS E ALUNOS ESPECIAIS)

CALENDÁRIO ESCOLAR 2015 CURSOS DE GRADUAÇÃO FMVZ Página 1 de 7 MATRÍCULAS (INGRESSANTES 2015, VETERANOS E ALUNOS ESPECIAIS) Página 1 de 7 MATRÍCULAS (INGRESSANTES 2015, VETERANOS E ALUNOS ESPECIAIS) INGRESSANTES 2015 (CONFORME MANUAL DO CANDIDATO UNESP 2015) Divulgação da lista geral de classificação 28/01/2015 Confirmação

Leia mais

PROPLAN. Diretoria de Informações Institucionais

PROPLAN. Diretoria de Informações Institucionais Universidade Federal do Pará Pró-Reitoria de Planejamento e Desenvolvimento Institucional SisRAA e a importação dos dados do Censo da Educação Superior 2014 Ana Carla Macedo da Silva IV Encontro de Relatório

Leia mais

Pró-Reitoria de Ensino PROEN

Pró-Reitoria de Ensino PROEN Pró-Reitoria de Ensino PROEN Estrutura Organizacional Pró-Reitoria de Ensino PROEN Diretoria de Ensino DIREN Divisão de Assuntos Curriculares DIASC Divisão de Informações Acadêmicas DIAC Divisão de Legislação

Leia mais

Resolução UNESP nº 29, de 28/03/2014

Resolução UNESP nº 29, de 28/03/2014 Resolução UNESP nº 29, de 28/03/2014 Aprova o Regulamento do Programa de Pós-graduação em Biotecnologia Animal, Cursos de Mestrado Acadêmico e Doutorado, da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia

Leia mais

RESOLUÇÃO - CEPEC Nº 1190

RESOLUÇÃO - CEPEC Nº 1190 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS RESOLUÇÃO - CEPEC Nº 1190 Cria o Programa de Monitoria da UFG, fixa os objetivos e estabelece as estruturas de funcionamento da Monitoria na UFG, e

Leia mais

Tipo de Bolsa/ Desconto Conceito Percentual/Crédito/Valor Quem recebe Como solicitar

Tipo de Bolsa/ Desconto Conceito Percentual/Crédito/Valor Quem recebe Como solicitar ANEXO 2 - BOLSAS E DESCONTOS NOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO - 2017 Bolsa de Docência para a Educação Básica Bolsa de incentivo a alunos do curso de Pós-Graduação Mestrado Profissional em Letras Bolsa de 30%

Leia mais

Número do Documento:

Número do Documento: Número do Documento: 1323910 Governo do Estado do Ceará Secretaria da Ciência, Tecnologia e Educação Superior Universidade Estadual do Ceará UECE Secretaria dos Órgãos de Deliberação Coletiva - SODC RESOLUÇÃO

Leia mais

SOCIEDADE UNIVERSITÁRIA REDENTOR DE ITAPERUNA CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA

SOCIEDADE UNIVERSITÁRIA REDENTOR DE ITAPERUNA CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA SOCIEDADE UNIVERSITÁRIA REDENTOR DE ITAPERUNA CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICINA EDITAL PARA VAGAS DE MONITORIAS MEDICINA 2017/1 Pelo presente edital ficam estabelecidas as regras para as vaga de monitorias,

Leia mais

O Pró-Reitor Acadêmico do UNISOCIESC, no uso de suas atribuições,

O Pró-Reitor Acadêmico do UNISOCIESC, no uso de suas atribuições, RESOLUÇÃO N o 004/2013 do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão do Centro Universitário Tupy - UNISOCIESC Assunto: Regulamento do Registro de Diplomas O Pró-Reitor Acadêmico do UNISOCIESC, no uso de

Leia mais

ATIVIDADES EXECUTADAS SECRETARIA DE PÓS-GRADUAÇÃO NAPG

ATIVIDADES EXECUTADAS SECRETARIA DE PÓS-GRADUAÇÃO NAPG ATIVIDADES EXECUTADAS SECRETARIA DE PÓS-GRADUAÇÃO NAPG ATIVIDADES DE ROTINA 1. Credenciamento/ Recredenciamento do Curso Coletar dados necessários. Montar o Processo. Encaminhar ao Colegiado para aprovação.

Leia mais

25 Aniversário da cidade de São Paulo. 25 Recepção aos calouros (pais e alunos) - campus Sorocaba

25 Aniversário da cidade de São Paulo. 25 Recepção aos calouros (pais e alunos) - campus Sorocaba 01 Feriado nacional - confraternização universal 2 Aniversário da cidade de São Paulo 02-06 10 10 1-2 1-2 2 Período para os alunos solicitarem aproveitamento de estudos, exceto para os alunos ingressantes

Leia mais

EDITAL 02/ PPGDTS EDITAL DE SELEÇÃO PARA BOLSA DO PROGRAMA NACIONAL DE POS- DOUTORADO - PNPD

EDITAL 02/ PPGDTS EDITAL DE SELEÇÃO PARA BOLSA DO PROGRAMA NACIONAL DE POS- DOUTORADO - PNPD EDITAL 02/2017 - PPGDTS EDITAL DE SELEÇÃO PARA BOLSA DO PROGRAMA NACIONAL DE POS- DOUTORADO - PNPD A Coordenação do Programa de Pós-graduação em Desenvolvimento Territorial Sustentável da Universidade

Leia mais

INSTITUTO SUPERIOR DE TEOLOGIA APLICADA - INTA PRO-DIRETORIA DE PESQUISA E POS-GRADUAÇAO STRICTO SENSU - PROPESP

INSTITUTO SUPERIOR DE TEOLOGIA APLICADA - INTA PRO-DIRETORIA DE PESQUISA E POS-GRADUAÇAO STRICTO SENSU - PROPESP INSTITUTO SUPERIOR DE TEOLOGIA APLICADA - INTA PRO-DIRETORIA DE PESQUISA E POS-GRADUAÇAO STRICTO SENSU - PROPESP REGULAMENTO DE PESQUISA SOBRAL-CEARÁ 2015 I- POLÍTICA DE PESQUISA Art.1º O Instituto Superior

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONA E MUCURI Conselho Universitário - CONSU

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONA E MUCURI Conselho Universitário - CONSU MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONA E MUCURI Conselho Universitário - CONSU ANEXO I TABELA DE PONTUAÇÃO I - ENSINO 1. Docência em curso de graduação 1.1. Para turmas com

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA - UNIR PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO - PROGRAD DIRETORIA DE REGULAÇÃO ACADÊMICA PROGRAMA DE MONITORIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA - UNIR PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO - PROGRAD DIRETORIA DE REGULAÇÃO ACADÊMICA PROGRAMA DE MONITORIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE RONDÔNIA - UNIR EDITAL DE SELEÇÃO DE MONITORES 1. IDENTIFICAÇÃO Unidade/Campus: Cacoal Departamento: Ciências Contábeis Disciplina(s): Conforme quadro abaixo Número de vagas: 01

Leia mais

Caracterização e objetivos do PET

Caracterização e objetivos do PET UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PROGRAMA DE EDUCAÇÂO TUTORIAL - PET EDITAL DE SELEÇÃO PARA TUTOR(A) DO GRUPO PET CIÊNCIAS SOCIAIS EDITAL Nº 01/2017 A PROGRAD divulga,

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DO CURSO DE MESTRADO EM DIREITO

REGIMENTO INTERNO DO CURSO DE MESTRADO EM DIREITO REGIMENTO INTERNO DO CURSO DE MESTRADO EM DIREITO Aprovado pelo Conselho da Faculdade de Direito em reunião extraordinário de 16/08/2013, Ata n. 11/2013 com as alterações aprovadas na reunião ordinário

Leia mais

SECRETARIA DE ÓRGÃOS COLEGIADOS RESOLUÇÃO Nº 08/2015

SECRETARIA DE ÓRGÃOS COLEGIADOS RESOLUÇÃO Nº 08/2015 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA SECRETARIA DE ÓRGÃOS COLEGIADOS Campus Universitário Viçosa, MG 36570-000 Telefone: (31) 3899-2127 - Fax: (31) 3899-1229 - E-mail: soc@ufv.br RESOLUÇÃO

Leia mais

Função em Confiança ANALISTA TÉCNICO

Função em Confiança ANALISTA TÉCNICO Função em Confiança ANALISTA TÉCNICO Nível Anterior 15 Nível Atual 19 Requisitos: Diploma de Graduação reconhecido pelo MEC e inscrição no Conselho da Profissão, Descrição da Função: Prestar orientações

Leia mais

MINUTA DO REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ANIMAIS SELVAGENS

MINUTA DO REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ANIMAIS SELVAGENS MINUTA DO REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ANIMAIS SELVAGENS Resolução UNESP nº de / /2015 Aprova o Regulamento do Programa de Pós-graduação em Animais Selvagens, Cursos de Mestrado Acadêmico

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA

UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA EDITAL DE SELEÇÃO Programa Nacional de Pós-Doutorado - PNPD O Programa de Pós-Graduação em Microbiologia Agropecuária da Faculdade de Ciências Agrária e Veterinárias, Universidade Estadual Paulista, Câmpus

Leia mais

Reitoria da Universidade Federal do Ceará, em 24 de setembro de

Reitoria da Universidade Federal do Ceará, em 24 de setembro de UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ RESOLUÇÃO N o 16/CEPE, DE 24 DE SETEMBRO DE 2010. Aprova o Calendário Universitário da Universidade Federal do Ceará para o Ano de 2011. O PRÓ-REITOR DE ADMINISTRAÇÃO, RESPONDENDO

Leia mais

REGULAMENTAÇÃO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS CMRV/UFPI

REGULAMENTAÇÃO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS CMRV/UFPI REGULAMENTAÇÃO DAS S COMPLEMENTARES DO CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS CMRV/UFPI Art. 1º - As Atividades Complementares têm por objetivo enriquecer o conhecimento propiciado pelo curso de Ciências Contábeis,

Leia mais

ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DO MEMORIAL DESCRITIVO. Nome: matrícula: Regime de Trabalho: Classe/nível: Unidade: Período:

ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DO MEMORIAL DESCRITIVO. Nome: matrícula: Regime de Trabalho: Classe/nível: Unidade: Período: ROTEIRO PARA ELABORAÇÃO DO MEMORIAL DESCRITIVO Nome: matrícula: Regime de Trabalho: Classe/nível: Unidade: Período: ATIVIDADES DE ENSINO: Graduação: Ano, nome da disciplina, carga horária total, número

Leia mais

Universidade do Estado do Rio de Janeiro Sub-Reitoria de Graduação SR-1

Universidade do Estado do Rio de Janeiro Sub-Reitoria de Graduação SR-1 1 Universidade do Estado do Rio de Janeiro Sub-Reitoria de Graduação SR-1 FERIADOS 2016 01/01 6ª feira Confraternização Universal 20/01 4ª feira São Sebastião 09/02 3ª feira Carnaval 10/02 4ª feira Cinzas

Leia mais

Capítulo I Das Atividades Complementares

Capítulo I Das Atividades Complementares página 1 de 5 FACULDADE DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E URBANISMO REGIMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Capítulo I Das Atividades Complementares Art. 1º O presente Regimento trata das Atividades Complementares

Leia mais

SEÇÃO II DA PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO

SEÇÃO II DA PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO SEÇÃO II DA PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO Art. 111 As competências da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação estão descritas no caput do art. 21 do Regimento da Reitoria. Art. 112 À Secretaria

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE CNEC GRAVATAÍ FCG

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE CNEC GRAVATAÍ FCG REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE CNEC GRAVATAÍ FCG CAPÍTULO I OBJETO DE REGULAMENTAÇÃO Art. 1º. O presente conjunto de normas tem por finalidade formalizar

Leia mais

fmvz - unesp FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA E ZOOTECNIA - CAMPUS DE BOTUCATU DIRETORIA

fmvz - unesp FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA E ZOOTECNIA - CAMPUS DE BOTUCATU DIRETORIA PORTARIA DO DIRETOR Nº 24, DE 15 DE MARÇO DE 2004 Regulamento Geral de Grupos de Estudos - GE, da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, UNESP, Campus de Botucatu. O Diretor da Faculdade de Medicina

Leia mais

RETIFICADO (Prorrogada a data de término das inscrições)

RETIFICADO (Prorrogada a data de término das inscrições) UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PROGRAMA DE EDUCAÇÂO TUTORIAL - PET EDITAL DE SELEÇÃO PARA TUTOR(A) DO GRUPO PET CIÊNCIAS SOCIAIS EDITAL Nº 01/2017 RETIFICADO (Prorrogada

Leia mais

Anexo I 1. TÍTULOS ACADÊMICOS:

Anexo I 1. TÍTULOS ACADÊMICOS: SELEÇÃO PARA PROFESSORES DE ENSINO MÉDIO DO PROGRAMA NACIONAL DE EDUCAÇÃO NA REFORMA AGRÁRIA - PRONERA Anexo I BAREMA PARA JULGAMENTO DOS TÍTULOS EDITAL N.º MATÉRIA/DISCIPLINA: CANDIDATO: NOTA: 1. TÍTULOS

Leia mais

Profa. Walcy Santos Diretora. Profa. Alexandra M. Schmidt Diretora Adjunta de Pós-Graduação

Profa. Walcy Santos Diretora. Profa. Alexandra M. Schmidt Diretora Adjunta de Pós-Graduação Profa. Walcy Santos Diretora Profa. Alexandra M. Schmidt Diretora Adjunta de Pós-Graduação Cristiano, Rose, Alan, Claudio e Fábio Equipe da Secretaria Acadêmica Estrutura Sistema Integrado de Gestão Acadêmica

Leia mais

NORMAS. Etapa de Preparação Pedagógica (EPP) Etapa de Estágio Supervisionado em Docência (EESD)

NORMAS. Etapa de Preparação Pedagógica (EPP) Etapa de Estágio Supervisionado em Docência (EESD) Edital FDRP - PAE 48/2016 A Comissão Coordenadora do PAE (CCPAE) e a Comissão de Pós-Graduação da FDRP/USP tornam pública a abertura de inscrições para a Etapa de Estágio Supervisionado em Docência (EESD)

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 032/07 CONSUNI

RESOLUÇÃO Nº 032/07 CONSUNI RESOLUÇÃO Nº 032/07 CONSUNI APROVA O REGULAMENTO QUE NORMATIZA AS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS. A Presidente do Conselho Universitário CONSUNI

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES ACADÊMICO-CIENTÍFICO-CULTURAIS AACC - DO CURSO DE PEDAGOGIA DA FACULDADE DE CIÊNCIAS UNESP / CAMPUS BAURU

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES ACADÊMICO-CIENTÍFICO-CULTURAIS AACC - DO CURSO DE PEDAGOGIA DA FACULDADE DE CIÊNCIAS UNESP / CAMPUS BAURU REGULAMENTO DAS S ACADÊMICO-CIENTÍFICO-CULTURAIS AACC - DO CURSO DE PEDAGOGIA DA FACULDADE DE CIÊNCIAS UNESP / CAMPUS BAURU Art. 1º - O presente regulamento constitui parte integrante do currículo do Curso

Leia mais

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO - CAPES

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO - CAPES PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO Normas e Critérios para Concessão de Bolsas por quota - CAPES e CNPq 2014/2015 (* Alterações aprovadas em reunião do Conselho do Programa realizada no dia 22 de agosto

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PROGRAMA DE EDUCAÇÂO TUTORIAL - PET EDITAL DE SELEÇÃO PARA TUTOR(A) DO GRUPO PET BIOLOGIA EDITAL Nº 01/2017 A PROGRAD divulga, pelo presente

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE - FURG SECRETARIA EXECUTIVA DOS CONSELHOS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE - FURG SECRETARIA EXECUTIVA DOS CONSELHOS SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE - FURG SECRETARIA EXECUTIVA DOS CONSELHOS DELIBERAÇÃO Nº 085/2014 CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA, EXTENSÃO E ADMINISTRAÇÃO

Leia mais

REGULAMENTAÇÃO DO GRUPO DE ESTUDOS EM FISIOPATOLOGIA ANIMAL DA FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA DE ARAÇATUBA/UNESP DOS OBJETIVOS

REGULAMENTAÇÃO DO GRUPO DE ESTUDOS EM FISIOPATOLOGIA ANIMAL DA FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA DE ARAÇATUBA/UNESP DOS OBJETIVOS REGULAMENTAÇÃO DO GRUPO DE ESTUDOS EM FISIOPATOLOGIA ANIMAL DA DE ARAÇATUBA/UNESP DOS OBJETIVOS Art. 1 o. O Grupo de Estudos em Fisiopatologia Animal (GEFIPA) da Faculdade de Medicina Veterinária do Campus

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 89*, DE 15 DE AGOSTO DE 2017.

RESOLUÇÃO Nº 89*, DE 15 DE AGOSTO DE 2017. RESOLUÇÃO Nº 89*, DE 15 DE AGOSTO DE 2017. O COLEGIADO DE CURSO DO CURSO DE DIREITO do Campus de Três Lagoas da, reunido em sua oitava reunião ordinária do ano de 2017 e no uso de suas atribuições legais

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ ANEXO I

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ ANEXO I SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS ANEXO I Tabela para pontuação visando à progressão funcional docente, aprovada pela congregação do ICB em 1 e 1/0/01,

Leia mais

PORTARIA N. 04, de 29 de agosto de 2011 (TEXTO COMPILADO)

PORTARIA N. 04, de 29 de agosto de 2011 (TEXTO COMPILADO) PORTARIA N. 04, de 29 de agosto de 2011 (TEXTO COMPILADO) Estabelece regras para o cômputo das horas de atividades complementares do curso de graduação em Direito da Escola de Direito de Brasília/EDB.

Leia mais

RESOLUÇÃO CONSUN Nº 1, de 3 de janeiro de 2005.

RESOLUÇÃO CONSUN Nº 1, de 3 de janeiro de 2005. RESOLUÇÃO CONSUN Nº 1, de 3 de janeiro de 2005. APROVA O REGIMENTO DOS CURSOS DE PÓS- GRADUAÇÃO LATO SENSU DA UNIVERSIDADE CIDADE DE SÃO PAULO. O Magnífico Reitor da Universidade Cidade de São Paulo, no

Leia mais

EDITAL 005/2015 PIBID/UNESPAR Campus Apucarana

EDITAL 005/2015 PIBID/UNESPAR Campus Apucarana PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID EDITAL 005/2015 PIBID/UNESPAR Campus Apucarana ABERTURA DE SELEÇÃO (E LISTA DE ESPERA) DE SUPERVISORES PARA O CAMPUS DE APUCARANA. NAS ÁREAS

Leia mais

ANEXO 2. PTD - PLANO DE TRABALHO DOCENTE - (Ano de referência)

ANEXO 2. PTD - PLANO DE TRABALHO DOCENTE - (Ano de referência) 1. IDENTIFICAÇÃO ANEXO 2 UNIVERSIDADE FEDERAL DE RORAIMA Departamento de (Nome do departamento) Curso de (Nome do curso) PTD - PLANO DE TRABALHO DOCENTE - (Ano de referência) Nome: Unidade Acadêmica de

Leia mais

MAPEAMENTO DAS PRINCIPAIS ATIVIDADES DA COORDENAÇÃO E SECRETARIA ACADÊMICA DE GRADUAÇÃO

MAPEAMENTO DAS PRINCIPAIS ATIVIDADES DA COORDENAÇÃO E SECRETARIA ACADÊMICA DE GRADUAÇÃO MAPEAMENTO DAS PRINCIPAIS ATIVIDADES DA COORDENAÇÃO E SECRETARIA ACADÊMICA DE GRADUAÇÃO - Ajuste de matrícula (acréscimo de disciplina com a Coordenação conforme calendário da UFG) Aluno solicita pelo

Leia mais

ANEXO II REGULAMENTO DOS ESTÁGIOS CURRICULARES SUPERVISIONADOS DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS SOCIAIS - LICENCIATURA

ANEXO II REGULAMENTO DOS ESTÁGIOS CURRICULARES SUPERVISIONADOS DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS SOCIAIS - LICENCIATURA ANEXO II REGULAMENTO DOS ESTÁGIOS CURRICULARES SUPERVISIONADOS DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS SOCIAIS - LICENCIATURA REGULAMENTO DOS ESTÁGIOS CURRICULARES SUPERVISIONADOS SEÇÃO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

Leia mais

Universidade de Brasília

Universidade de Brasília EDITAL RESUMO DE CONCURSO PÚBLICO DOCENTE Nº 103, DE 13 DE ABRIL DE 2010. A FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA/FUB, nos termos da Portaria do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão n. 124, de 15/3/2010,

Leia mais

Resolução n 225, de 21 de junho R E S O L V E: Art. 1º - Alterar a redação do parágrafo 2º artigo 12 do Regimento Geral da Universidade:

Resolução n 225, de 21 de junho R E S O L V E: Art. 1º - Alterar a redação do parágrafo 2º artigo 12 do Regimento Geral da Universidade: Resolução n 225, de 21 de junho 2016. Aprova emendas ao Regimento Geral da Universidade, cria setores e dá outras providências. O Conselho Universitário CONSUNI, da Universidade do Planalto Catarinense

Leia mais

Nova Resolução das Atividades Complementares (01/2017) Coordenação do Curso de Letras

Nova Resolução das Atividades Complementares (01/2017) Coordenação do Curso de Letras Nova Resolução das Atividades Complementares (01/2017) Coordenação do Curso de Letras Introdução As Atividades Complementares (ACs) constituem componente curricular obrigatório. Todos os alunos do Curso

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONA E MUCURI Conselho Universitário (CONSU)

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONA E MUCURI Conselho Universitário (CONSU) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONA E MUCURI Conselho Universitário (CONSU) ANEXO IV - RELATÓRIO DE ATIVIDADES DOCENTE I - ENSINO Pontos Qtd. Pg. Total Docência em curso

Leia mais

RESOLUÇÃO N.º 906/2012

RESOLUÇÃO N.º 906/2012 UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA (UNEB) CONSELHO UNIVERSITÁRIO (CONSU) RESOLUÇÃO N.º 906/2012 Publicada no D.O.E. de 07-06-2012, p. 56/57 Estabelece normas para distribuição da carga horária, acompanhamento

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão. Normas Complementares para as Atividades Complementares do Bacharelado Interdisciplinar em Ciência e Tecnologia. Normas Complementares para Atividades Complementares do Bacharelado Interdisciplinar em

Leia mais

ANEXO II. Distribuição de Pontos e Perfis Básicos para Progressão e Promoção de Docentes,

ANEXO II. Distribuição de Pontos e Perfis Básicos para Progressão e Promoção de Docentes, ANEXO II Distribuição de Pontos e Perfis Básicos para Progressão e Promoção de Docentes, na Carreira do Magistério Superior do Ministério de Educação e Cultura, no âmbito do Instituto de Química do Centro

Leia mais

EDITAL 07/2016 DE SELEÇÃO PARA O PROJETO DE CURSOS DE INGLÊS, DO PROGRAMA DE FORMAÇÃO CONTINUADA DA FAINOR

EDITAL 07/2016 DE SELEÇÃO PARA O PROJETO DE CURSOS DE INGLÊS, DO PROGRAMA DE FORMAÇÃO CONTINUADA DA FAINOR EDITAL 07/2016 DE SELEÇÃO PARA O PROJETO DE CURSOS DE INGLÊS, DO PROGRAMA DE FORMAÇÃO CONTINUADA DA FAINOR Período de inscrição: de 07 de março a 22 de março, 2016 O Diretor Geral da Faculdade Independente

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 12 DO CONSELHO DO PROGRAMA DE PÓS- GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO DE 29/JANEIRO/2016.

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 12 DO CONSELHO DO PROGRAMA DE PÓS- GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO DE 29/JANEIRO/2016. INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 12 DO CONSELHO DO PROGRAMA DE PÓS- GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO DE 29/JANEIRO/2016. Estabelece critérios para atribuição, manutenção e substituição de bolsas CAPES, Reitoria e demais bolsas

Leia mais

Quadro 1: EQUIVALÊNCIA ENTRE CONCEITOS E NOTAS. 1 Insuficiente. 2 Regular. 3 Bom. 4 Muito Bom. 5 Excelente

Quadro 1: EQUIVALÊNCIA ENTRE CONCEITOS E NOTAS. 1 Insuficiente. 2 Regular. 3 Bom. 4 Muito Bom. 5 Excelente 1 A Comissão de Avaliação Setorial da área de Medicina deverá transformar os CONCEITOS (insuficiente, regular, bom, muito bom, excelente) em NOTAS, de acordo com o quadro abaixo, para cada uma das cinco

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 9/2016 CONSUNI/CGAE Revogada pela Resolução nº 1/2017 CONSUNI/CGAE que homologa as Portarias nº 0074/GR/UFFS/2017 e nº 0146/GR/UFFS/2017

RESOLUÇÃO Nº 9/2016 CONSUNI/CGAE Revogada pela Resolução nº 1/2017 CONSUNI/CGAE que homologa as Portarias nº 0074/GR/UFFS/2017 e nº 0146/GR/UFFS/2017 CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA DE GRADUAÇÃO E ASSUNTOS ESTUDANTIS RESOLUÇÃO Nº 9/2016 CONSUNI/CGAE Revogada pela Resolução nº 1/2017 CONSUNI/CGAE que homologa as Portarias nº 0074/GR/UFFS/2017 e nº 0146/GR/UFFS/2017

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE Centro de Ciências Computacionais Programa da Pós-Graduação em Computação Curso de Mestrado em Engenharia de Computação EDITAL Nº 01/PPGComp/2012 Seleção de candidatos

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO

REGULAMENTO DE ESTÁGIO REGULAMENTO DE ESTÁGIO FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI CIMATEC NÚCLEO DE CARREIRA PROFISSIONAL MAIO 2012 CAPÍTULO I DOS PRINCÍPIOS GERAIS Art. 1º. Este regulamento tem por finalidade disciplinar as atividades

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE CIRURGIA

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE CIRURGIA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE CIRURGIA CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 56, de 16 de junho de 2016,

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE MEDICINA SOCIAL

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE MEDICINA SOCIAL SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DEPARTAMENTO DE MEDICINA SOCIAL CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES DO MAGISTÉRIO SUPERIOR Edital nº 88, de 0 de Novembro

Leia mais

MANUAL DE ESTÁGIO INTERNO

MANUAL DE ESTÁGIO INTERNO MANUAL DE ESTÁGIO INTERNO AGOSTO/2016 SUMÁRIO O QUE É ESTÁGIO INTERNO?... 3 INSCRIÇÃO... 3 CRITÉRIOS PARA SELEÇÃO... 3 COMPETÊNCIAS E ATRIBUIÇÕES... 4 Professor orientador:... 4 Estagiário:... 4 É EXPRESSAMENTE

Leia mais

Edital nº 109/2016 PROEN

Edital nº 109/2016 PROEN Edital nº 109/2016 PROEN Processo Seletivo para Tutor do Programa de Educação Tutorial Grupo PET Física A UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO, por meio da Pró-Reitoria de Ensino, com base na Lei Nº 11.180,

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES Curso de Graduação em Pedagogia - Licenciatura - Piracanjuba-GO 2016 SUMÁRIO CAPÍTULO I - DAS FINALIDADES... 5 CAPITULO II - DO LOCAL DE REALIZAÇÃO... 6 CAPÍTULO

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA BOLSA DE PÓS-DOUTORADO PNPD/CAPES

PROCESSO SELETIVO PARA BOLSA DE PÓS-DOUTORADO PNPD/CAPES UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE RONDONÓPOLIS INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO PROCESSO SELETIVO PARA BOLSA DE PÓS-DOUTORADO PNPD/CAPES

Leia mais

MINUTA DE REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE DIREITO DA FCHS TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

MINUTA DE REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE DIREITO DA FCHS TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES MINUTA DE REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE DIREITO DA FCHS Aprovado pela Congregação em 01/03/2011 TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º Este regulamento normatiza o cumprimento

Leia mais