EXERCÍCIO DAS AULAS 5 e 6

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "EXERCÍCIO DAS AULAS 5 e 6"

Transcrição

1 EXERCÍCIO DAS AULAS 5 e 6 Este é um exercício prático relacionado às AULAS 5 e 6. Vocês devem escolher um filme qualquer (ficcional, documental, curta ou longa, não importa) e analisar UMA VARIÁVEL, UM PONTO ESPECÍFICO desse filme. Esse ponto é justamente a questão da VERDADE, do REAL que discutimos em aula. Um exemplo de análise vai neste mesmo arquivo: fiz algumas reflexões iniciais sobre essa questão no ILHA DAS FLORES e relacionei em uma análise bem inicial e breve. Normas pro exercício e critérios de avaliação: 1. deve ser enviado por ou entregue impresso até o dia 29 de abril (dia da prova teórica). Os que não chegarem na minha caixa de até a zero hora de 30 de abril serão desconsiderados (ou 24 horas do dia 29, como queiram). Os impressos devem ser entregues na hora da prova; 2. a análise deve ter no mínimo 20 linhas e no máximo 30 linhas (times new roman corpo 12, A4, margens de 2cm). Caso queiram inserir figuras, elas contam separadas do texto. Se forem mandar por , só cuidem pra que as figuras não sejam tão pesadas. O arquivo deve ter, no máximo no máximo, 1mb; 3. se forem analisar Ilha das Flores, que não seja na parte em que fiz a análise que vai no final deste arquivo; 4. não tenham medo de escrever besteira, porque o que conta é o argumento e a lógica

2 do que vocês vão apresentar, além da coerência com a teria que foi apresentada em aula; 5. tenham medo, sim, do crime contra a ortografia e afins, porque vai ser descontado; 6. lembrem de sempre: a) referenciar qualquer citação bibliográfica (vejam dicas no material que está no site com as normas pro artigo final) e b) referenciar o filme que viram. As referências (livro/s e filme/s) e títulos das análises não contam nas 30 linhas de limite; 7. o formato do arquivo pode ser pdf, doc ou odt (do openoffice); 8. a entrega do exercício e o respeito às normas aqui estabelecidas acrescenta 0,5 ponto à nota da prova. Se tirarem dez na prova, o meio ponto vai pro trabalho em grupo (a nota vai pro aluno, não pro grupo, claro). Se tirarem dez no trabalho em grupo, o meio ponto vai pro trabalho final. Se tirarem dez em tudo, bom, aí vocês são muito bons mesmo e eu vejo com o Detran se dá pra transferir o meio ponto pra carteira de motorista de vocês; 9. a não entrega do exercício ou o não respeito às normas estabelecidas pro trabalho acarreta em -0,5 na prova, no trabalho em grupo ou no trabalho final. Se alguém tirar zero em todas essas avaliações, eu penso em um serviço a ser prestado pra comunidade. Qualquer dúvida sobre o trabalho ou a análise em si, podem me procurar em aula mesmo ou mandar pra

3

4

5 No primeiro quadro já existe uma provocação. O curta de ficção já avisa que não é um filme de ficção. A trilha sonora nos remete a algo verdadeiro : O Guarany é a música de abertura de um tradicional programa radiofônico que remete à notícia e, portanto, aos sentidos de verdade e objetividade. O nome do programa, A voz do Brasil, reforça a idéia de que é o povo quem vai falar (ou de que alguém irá falar pelo povo). O filme resgata esse imaginário sobre a música e aquilo a que ela remete para nos reforçar a afirmativa inicial, de que não se trata de uma ficção. Estaria sugerindo que o que será apresentado a seguir seja uma espécie de reportagem? No quadro seguinte, outro reforço e outra afirmativa: Existe um lugar chamado Ilha das Flores. Assim, estabelece no existe o sentido de comprovação de um real externo ao filme e que lhe serve de referência. Ao dizer que Deus não existe (terceiro quadro), o diretor expressa uma idéia que dá o tom de todo o curta (além de resgatar a afirmativa de existência ou não do quadro anterior, insinuando-se como sabedor de uma verdade. Embora muitas vezes parecendo mais uma historinha cômica sobre uma determinada coisa (sobre o tomate, o mercado, o lucro, a comida, o lixo), Ilha das flores é um filme

6 fortemente engajado em uma crítica social irônica que já é delineada nesse terceiro quadro. Ele nos provoca a pensar: se existe um lugar miserável como a Ilha das Flores, existirá Deus? Além de engajado numa causa social importante, Jorge Furtado propõe, desde esse início até a mensagem final, uma profunda discussão filosófica a respeito do ser humano e suas necessidades básicas. Ao final do curta, que, talvez com exceção da dona Anete e do Sr. Suzuki, apresenta apenas questões reais, o tom de comicidade aplicado desde o início é perdido em meio à gravidade da situação dos que vivem dos restos dos porcos na Ilha das Flores. Ao encerrar essa pequena narrativa sobre a condição humana, Jorge Furtado insere, junto à locução em off, um arranjo de guitarra de O Guarany. Em off, o texto diz assim (trecho do roteiro final 1 ): (72) O tomate / plantado pelo senhor Suzuki, / trocado por dinheiro com o supermercado, / trocado pelo dinheiro que dona Anete trocou por perfumes extraídos das flores, / recusado para o olho do porco, / jogado no 1 Com algumas correções de erros de digitação e/ou ortográficos.

7 (veja quadros na página a seguir) lixo / e recusado pelos porcos como alimento / está agora disponível para os seres humanos da Ilha as Flores. (73) O que coloca os seres humanos da Ilha das Flores depois dos porcos na prioridade de escolha de alimentos é o fato de não terem dinheiro nem dono. (74) O ser humano se diferencia dos outros animais pelo telencéfalo altamente desenvolvido, pelo polegar opositor e por ser livre. (75) Livre é o estado daquele que tem liberdade. (76) Liberdade é uma palavra que o sonho humano alimenta, que não há ninguém que explique e ninguém que não entenda.

8 Nos créditos finais, a palavra verdade aparece na explicação sobre a autoria do texto dito (o que encerra o filme), esclarecendo que na verdade aquele texto é de um romance. Assim ocorre com a trilha de Carlos Gomes. Dando autoria ao texto dito e ao fundo musical, Jorge Furtado separa tais sentidos daquilo que ele apresenta como não sendo

9 um filme de ficção. Ele procede da mesma forma com relação aos personagens da dona Anete (e família), sua cliente de perfumaria, o Sr. Suzuki e a aluna Ana Luiza, assim como às locações. Dessa forma é que o filme separa o ficcional de todo o conteúdo mais importante, o conteúdo de verdade. Ou seja, é só assim que ele pode realmente ser assumido como não ficcional. E isso é reiterado quando o último quadro dessa série diz: O RESTO É VERDADE. É assim que o filme se afirma como não ficção mas, principalmente, que afirma a gravidade de tudo o que mostra, gravidade esta intensificada por ser documentada, testemunhada.

10

11

EDITAL DE SUBMISSÃO DE ARTIGOS PARA O LIVRO DA COMISSÃO DE ACESSO À JUSTIÇA OAB/CE EDITAL 01/2017 CAJ

EDITAL DE SUBMISSÃO DE ARTIGOS PARA O LIVRO DA COMISSÃO DE ACESSO À JUSTIÇA OAB/CE EDITAL 01/2017 CAJ EDITAL DE SUBMISSÃO DE ARTIGOS PARA O LIVRO DA COMISSÃO DE ACESSO À JUSTIÇA OAB/CE EDITAL 01/2017 CAJ A Comissão de Acesso à Justiça da OAB/CE triênio 2016-2018, com a finalidade de difundir princípios

Leia mais

COMO PARTICIPAR? GRAVE O VÍDEO EDITE O VÍDEO

COMO PARTICIPAR? GRAVE O VÍDEO EDITE O VÍDEO Tutorial Inscreva sua história COMO PARTICIPAR? VEJA O TEMA TENHA UMA IDEIA GRAVE O VÍDEO EDITE O VÍDEO COLOQUE UMA TRILHA SONORA INSCREVA-SE! Tema: Inspirando histórias Premissa conceitual: Em comemoração

Leia mais

Proposta de Redação Tema: A honestidade é um valor

Proposta de Redação Tema: A honestidade é um valor Proposta de Redação Tema: A honestidade é um valor Tema central: Reportagem: valores sociais Produção de texto Introdução: A palavra é o meio de que cada um de nós se utiliza para dizer do outro, para

Leia mais

Abordagem fria. Por que fazer abordagem fria? Onde fazer abordagem fria?

Abordagem fria. Por que fazer abordagem fria? Onde fazer abordagem fria? ABORDAGEM O que significa? R: Abordagem é o termo utilizado para caracterizar um tipo de aproximação, seja entre pessoas ou coisas. Normalmente, a abordagem é o modo como determinada pessoa se aproxima

Leia mais

Como se escreve? Expectativas de aprendizagem. Recursos e materiais necessários. Público-alvo: 3º ano. Duração: 4 aulas

Como se escreve? Expectativas de aprendizagem. Recursos e materiais necessários. Público-alvo: 3º ano. Duração: 4 aulas Como se escreve? nós na sala de aula - módulo: língua portuguesa 1º ao 3º ano - unidade 10 Antigamente a ortografia era vista apenas como um monte de regras que deviam ser decoradas, mas os estudos atuais

Leia mais

NORMAS PARA RESUMO E TRABALHO COMPLETO Os resumos, resumos expandidos e trabalhos completos deverão se enquadrar em um dos eixos temáticos do evento.

NORMAS PARA RESUMO E TRABALHO COMPLETO Os resumos, resumos expandidos e trabalhos completos deverão se enquadrar em um dos eixos temáticos do evento. APRESENTAÇÃO DE TRABALHO Os participantes interessados em apresentar trabalho poderão submeter resumo, resumo expandido ou trabalho completo ATÉ O DIA 30 DE AGOSTO DE 2016, conforme as normas abaixo. NORMAS

Leia mais

Análise Cinematográfica do Curta Metragem Ilha das Flores¹ Jaderlano de Lima JARDIM² Shirley Monica Silva MARTINS³

Análise Cinematográfica do Curta Metragem Ilha das Flores¹ Jaderlano de Lima JARDIM² Shirley Monica Silva MARTINS³ Análise Cinematográfica do Curta Metragem Ilha das Flores¹ Jaderlano de Lima JARDIM² Shirley Monica Silva MARTINS³ RESUMO O premiado Ilha das Flores exibe o percurso de um tomate até chegar a um lixão

Leia mais

FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO CURSO DE BIBLIOTECONOMIA. Dilva Páscoa De Marco Fazzioni

FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO CURSO DE BIBLIOTECONOMIA. Dilva Páscoa De Marco Fazzioni FEDERAL DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS DA EDUCAÇÃO CURSO DE BIBLIOTECONOMIA PROJETO DE REVISTA CIENTÍFICA JARDINAGEM Florianópolis, 31 de outubro de 2013 2 PROJETO DE REVISTA CIENTÍFICA JARDINAGEM

Leia mais

Normas para inscrições de trabalhos IV SIMPOM (2016)

Normas para inscrições de trabalhos IV SIMPOM (2016) Normas para inscrições de trabalhos IV SIMPOM (2016) A Secretaria do IV SIMPOM receberá inscrições de trabalhos, nas categorias comunicação oral e pôster, no período de 25/10/2015 a 15/1/2016, impreterivelmente.

Leia mais

DICAS PARA ASPECTOS FORMAIS DO TRABALHO: 1 DICAS PARA ASPECTOS FORMAIS DO TRABALHO:

DICAS PARA ASPECTOS FORMAIS DO TRABALHO: 1 DICAS PARA ASPECTOS FORMAIS DO TRABALHO: DICAS PARA ASPECTOS FORMAIS DO TRABALHO: 1 DICAS PARA ASPECTOS FORMAIS DO TRABALHO: a) Linguagem: é a descrição do pensamento, na elaboração do trabalho deverá ser produzida obedecendo à forma técnica

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO Nº 05/2016 II CONCURSO DE CONTOS DO IF CMZL

EDITAL DE SELEÇÃO Nº 05/2016 II CONCURSO DE CONTOS DO IF CMZL EDITAL DE SELEÇÃO Nº 05/2016 II CONCURSO DE CONTOS DO IF CMZL O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas Campus Manaus Zona Leste torna pública a abertura do II Concurso de Contos

Leia mais

MODELO DE APRESENTAÇÃO DE ARTIGO CIENTÍFICO

MODELO DE APRESENTAÇÃO DE ARTIGO CIENTÍFICO MODELO DE APRESENTAÇÃO DE ARTIGO CIENTÍFICO Nome e Sobrenome do autor 1 - Nome e SIGLA DA INSTITUIÇÃO Nome e Sobrenome do autor 2 - Nome e SIGLA DA INSTITUIÇÃO Nome e Sobrenome do autor 3 - Nome e SIGLA

Leia mais

Matemática Avaliação Seletiva 9º Ano Preparatório para as boas Escolas Públicas

Matemática Avaliação Seletiva 9º Ano Preparatório para as boas Escolas Públicas Projeto DE VOLTA AO CAMINHO - 00_0 Questão (,5 pontos) Um artesão começa a trabalhar às 8h e produz 6 braceletes a cada vinte minutos; já seu auxiliar começa a trabalhar uma hora depois e produz 8 braceletes

Leia mais

TRABALHOS / NORMAS. 1. Normas para Submissão de Trabalhos: 1.1 COMUNICAÇÃO ORAL

TRABALHOS / NORMAS. 1. Normas para Submissão de Trabalhos: 1.1 COMUNICAÇÃO ORAL TRABALHOS / NORMAS 1. Normas para Submissão de Trabalhos: 1.1 COMUNICAÇÃO ORAL a) Será considerada Comunicação Oral, ensaios, estudos e resultados de pesquisa abordando temáticas novas ou já estabelecidas

Leia mais

REGULAMENTO II CONCURSO DE FOTOGRAFIA DO IFF CAMPUS MACAÉ BIOLOGIA PRA MIM É... CAPÍTULO I DAS FINALIDADES

REGULAMENTO II CONCURSO DE FOTOGRAFIA DO IFF CAMPUS MACAÉ BIOLOGIA PRA MIM É... CAPÍTULO I DAS FINALIDADES REGULAMENTO II CONCURSO DE FOTOGRAFIA DO IFF CAMPUS MACAÉ BIOLOGIA PRA MIM É... CAPÍTULO I DAS FINALIDADES Art. 1º. O presente concurso tem a finalidade de incentivar o interesse pela Biologia através

Leia mais

Curso de Extensão. Educação Integral e em Tempo Integral Proposta de Trabalho com Blogs. Profª Drª Roberta Pasqualli - IFSC

Curso de Extensão. Educação Integral e em Tempo Integral Proposta de Trabalho com Blogs. Profª Drª Roberta Pasqualli - IFSC Curso de Extensão Educação Integral e em Tempo Integral Proposta de Trabalho com Blogs Profª Drª Roberta Pasqualli - IFSC CONCEITOS Blog é uma abreviação do termo inglês: Web (página da internet) + log

Leia mais

INVISTA EM VOCÊ MESMO!

INVISTA EM VOCÊ MESMO! INVISTA EM VOCÊ MESMO! Como você gasta seu tempo? Veja bem, não importa o que você esteja fazendo, mas como você gasta o seu tempo. Isso diz quem você é e onde você vai chegar. Então pense sobre as experiências

Leia mais

Faculdade de Ciências Empresariais Colegiado Curso de Administração

Faculdade de Ciências Empresariais Colegiado Curso de Administração EDITAL DE SELEÇÃO DE ARTIGOS CIENTÍFICOS PARA PUBLICAÇÃO NA REVISTA ADMINISTRAÇÃO EM FOCO DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO DA FACULDADE DE CIÊNCIAS EMPRESARIAIS FACEMP 3ª EDIÇÃO EDIÇÃO 2016 ADMINISTRAÇÃO EM FOCO

Leia mais

1º - Está excluído da necessidade de apresentar paper o artigo acadêmico.

1º - Está excluído da necessidade de apresentar paper o artigo acadêmico. REGULAMENTO I - Das peças concorrentes: Art. 1º Para participar os alunos precisam estar matriculados em cursos de graduação nas áreas de Jornalismo, Publicidade e Propaganda, Relações Públicas ou Fotografia

Leia mais

2. Pensar no tipo de news que vai mandar para seus clientes e a periodicidade

2. Pensar no tipo de news que vai mandar para seus clientes e a periodicidade Esse post é bem simples e prático, focado em quem sabe o potencial que o email marketing tem como uma ferramenta de relacionamento (e futuras vendas) com seus clientes e potenciais clientes. Para quem

Leia mais

MANUAL PARA NOVOS ESCRITORES

MANUAL PARA NOVOS ESCRITORES MANUAL PARA NOVOS ESCRITORES O sonho de publicar um livro está mais próximo do que você imagina... Senhor(a) Autor(a), Já não é de hoje que se fala na satisfação em publicar um livro. Escrever um livro

Leia mais

COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE. Programa de Recuperação Paralela. 1ª Etapa Ano: 7 Turma: 71

COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE. Programa de Recuperação Paralela. 1ª Etapa Ano: 7 Turma: 71 COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Paralela 1ª Etapa 2014 Disciplina: ARTE Professor (a): JANAINA Ano: 7 Turma: 71 Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de recuperação. Faça

Leia mais

FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS COLEGIADO DE DIREITO NÚCLEO DOCENTE ESTRUTURANTE

FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS COLEGIADO DE DIREITO NÚCLEO DOCENTE ESTRUTURANTE FACULDADE DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS COLEGIADO DE DIREITO NÚCLEO DOCENTE ESTRUTURANTE INSTRUÇÕES GERAIS FICHAMENTO 2016-1 PARIPIRANGA/2016-1 FICHAMENTO DO COLEGIADO DE DIREITO 2016.1 Regras Gerais 1

Leia mais

Relações Federativas e a Construção do Sistema Nacional de Educação (SNE): qualidade da educação brasileira. Universidade Católica Dom Bosco

Relações Federativas e a Construção do Sistema Nacional de Educação (SNE): qualidade da educação brasileira. Universidade Católica Dom Bosco Relações Federativas e a Construção do Sistema Nacional de Educação (SNE): qualidade da educação brasileira Universidade Católica Dom Bosco Campo Grande - MS Região Centro Oeste NORMAS GERAIS PARA SUBMISSÃO

Leia mais

III CONGRESSO DE SERVIÇO SOCIAL DO IMIP VI JORNADA DE SERVIÇO SOCIAL DO IMIP

III CONGRESSO DE SERVIÇO SOCIAL DO IMIP VI JORNADA DE SERVIÇO SOCIAL DO IMIP SUBMISSÃO DE TRABALHOS 1. Informações para envio de trabalhos Os trabalhos poderão ser enviados pelo site www.imip.org.br/congresso/servicosocial/2017 até o dia 31/07/2017. A data prevista para divulgação

Leia mais

NORMAS GERAIS PARA A INSCRIÇÃO DE TRABALHOS

NORMAS GERAIS PARA A INSCRIÇÃO DE TRABALHOS NORMAS GERAIS PARA A INSCRIÇÃO DE TRABALHOS RECOMENDAMOS LEITURA ATENTA DAS NORMAS ANTES DO ENVIO DO TRABALHO 1. Os trabalhos deverão estar digitados em português e conforme as regras estabelecidas na

Leia mais

REGULAMENTO PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS CIENTÍFICOS NA SEMANA NACIONAL ESTÁCIOCOMCEUT DE COMUNICAÇÃO

REGULAMENTO PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS CIENTÍFICOS NA SEMANA NACIONAL ESTÁCIOCOMCEUT DE COMUNICAÇÃO REGULAMENTO PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS CIENTÍFICOS NA SEMANA NACIONAL ESTÁCIOCOMCEUT DE COMUNICAÇÃO I. DA SUBDIVISÃO DE TRABALHOS A Coordenação do Curso de Comunicação Social da Estácio Ceut concederá

Leia mais

INSTRUÇÕES GERAIS FICHAMENTO

INSTRUÇÕES GERAIS FICHAMENTO COLEGIADO DE DIREITO NÚCLEO DOCENTE ESTRUTURANTE INSTRUÇÕES GERAIS FICHAMENTO 2015-2 PARIPIRANGA/2015-2 1 CONSIDERAÇÕES GERAIS Com o intuito de tornar ainda mais claras as regras de elaboração do Fichamento

Leia mais

Escola Municipal de Ensino Fundamental Chico Mendes

Escola Municipal de Ensino Fundamental Chico Mendes ROTEIRO CENA 1 Ext. Pátio da Escola: narrador caminha pelo pátio narrando algumas histórias do bairro. Nosso bairro era muito diferente do que é hoje. Antes eram várias vilas que dividiam espaços. (fotos

Leia mais

Orientação a Objetos

Orientação a Objetos Orientação a Objetos 1. Sobrecarga (Overloading) Os clientes dos bancos costumam consultar periodicamente informações relativas às suas contas. Geralmente, essas informações são obtidas através de extratos.

Leia mais

Nome: Nº: Turma: Este caderno contém questões de: Português Matemática História Geografia Ciências - Espanhol

Nome: Nº: Turma: Este caderno contém questões de: Português Matemática História Geografia Ciências - Espanhol Nome: Nº: Turma: Este caderno contém questões de: Português Matemática História Geografia Ciências - Espanhol 1 O CAT nº 15 vale dez pontos e deverá ser entregue à professora de Redação no dia 08 de setembro

Leia mais

Como o Turnitin está estruturado?

Como o Turnitin está estruturado? Turnitin O que é? O Turnitin é um software de verificação de originalidade e prevenção de plágio, que aponta para as semelhanças, entre o texto apresentado pelo aluno, os documentos existentes na base

Leia mais

Um Mundo de Letras. Nível de Ensino/Faixa Etária: Formação de Professores. Áreas Conexas: Português (Alfabetização) Consultor: Angelita Machado

Um Mundo de Letras. Nível de Ensino/Faixa Etária: Formação de Professores. Áreas Conexas: Português (Alfabetização) Consultor: Angelita Machado Um Mundo de Letras Nível de Ensino/Faixa Etária: Formação de Professores Áreas Conexas: Português (Alfabetização) Consultor: Angelita Machado RESUMO Este vídeo apresenta 5 episódios: Um mundo imerso em

Leia mais

1º PONTO QUE VOCÊ VIU NA AULA: HEADLINE

1º PONTO QUE VOCÊ VIU NA AULA: HEADLINE 1º PONTO QUE VOCÊ VIU NA AULA: HEADLINE O GRANDE objetivo da Headline é gerar o impulso que leva a abertura de E-mail. Esses impulsos podem ser despertados de várias formas diferentes e cada uma vai ter

Leia mais

EDITAL DE SUBMISSÃO DE ARTIGOS PARA O LIVRO DA COMISSÃO ESPECIAL DE MEDIAÇÃO, CONCILIAÇÃO E ARBITRAGEM OAB/CE EDITAL 01/2016 CEMCA

EDITAL DE SUBMISSÃO DE ARTIGOS PARA O LIVRO DA COMISSÃO ESPECIAL DE MEDIAÇÃO, CONCILIAÇÃO E ARBITRAGEM OAB/CE EDITAL 01/2016 CEMCA EDITAL DE SUBMISSÃO DE ARTIGOS PARA O LIVRO DA COMISSÃO ESPECIAL DE MEDIAÇÃO, CONCILIAÇÃO E ARBITRAGEM OAB/CE EDITAL 01/2016 CEMCA A Comissão Especial de Mediação, Conciliação e Arbitragem da OAB/CE triênio

Leia mais

ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA: DO TRADICIONAL AO FUNCIONAL RESUMO. Palavras-chave: Palavra. Palavra. Palavra. (Devem constar do texto do resumo)

ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA: DO TRADICIONAL AO FUNCIONAL RESUMO. Palavras-chave: Palavra. Palavra. Palavra. (Devem constar do texto do resumo) ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA: DO TRADICIONAL AO FUNCIONAL Nome completo do acadêmico Professor Orientador RESUMO Conforme NBR 6028, o resumo informa suficientemente ao leitor, para que este possa decidir

Leia mais

UNIVERSIDADE DE CAXIAS DO SUL PROJETO MOSTRA UNIVERSITÁRIA DE COMUNICAÇÃO MUC REGULAMENTO

UNIVERSIDADE DE CAXIAS DO SUL PROJETO MOSTRA UNIVERSITÁRIA DE COMUNICAÇÃO MUC REGULAMENTO UNIVERSIDADE DE CAXIAS DO SUL PROJETO MOSTRA UNIVERSITÁRIA DE COMUNICAÇÃO MUC REGULAMENTO A Mostra Universitária de Comunicação - MUC tem por objetivo estimular a troca de experiências entre alunos, professores

Leia mais

Revista Pós Ciências Sociais. normas para publicação. 1.1 Sobre o material 1 INFORMAÇÕES AOS AUTORES

Revista Pós Ciências Sociais. normas para publicação. 1.1 Sobre o material 1 INFORMAÇÕES AOS AUTORES Revista Pós Ciências Sociais Normas para publicação 1 INFORMAÇÕES AOS AUTORES A Revista Pós-Ciências Sociais é uma publicação produzida pelo Programa de Pós- -Graduação em Ciências Sociais da Universidade

Leia mais

SUMÁRIO. Título do procedimento CARTÃO DE CRÉDITO CONSIGNADO CORRESPONDENTE - CONVÊNIO COM O INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL INSS

SUMÁRIO. Título do procedimento CARTÃO DE CRÉDITO CONSIGNADO CORRESPONDENTE - CONVÊNIO COM O INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL INSS CARTÃO DE.000 /5 SUMÁRIO. APRESENTAÇÃO... 2 2. BASE LEGAL... 2 3. PÚBLICO ALVO... 2 4. POLÍTICA DE CRÉDITO... 2 5. CARACTERÍSTICAS... 2 6. LAYOUT DO CARTÃO DE CRÉDITO... 3 7. FATURA DO CARTÃO... 3 8. SAQUE

Leia mais

NORMAS PARA SUBMISSÃO DE TRABALHOS

NORMAS PARA SUBMISSÃO DE TRABALHOS NORMAS PARA SUBMISSÃO DE TRABALHOS 1. DISPOSIÇÕES GERAIS: O I Ciclo de Estudos e Debates sobre Cidades Médias e Redes de Empresas busca oferecer oportunidades a docentes, discentes e pesquisadores vinculados

Leia mais

ETEC ALBERT EINSTEIN ORIENTAÇÕES DE TCC

ETEC ALBERT EINSTEIN ORIENTAÇÕES DE TCC ETEC ALBERT EINSTEIN ORIENTAÇÕES DE TCC CEETEPS ORIENTAÇÕES DE TCC NORMAS GERAIS Página 1 DESENVOLVIMENTO DO TCC 1. ESTRUTURA DO TRABALHO 1.1 Referencial Teórico 1.2 Metodologia 1.3 Resultados 1.4 Conclusão

Leia mais

TUTORIAL - COMO SUBMETER ARTIGOS

TUTORIAL - COMO SUBMETER ARTIGOS TUTORIAL - COMO SUBMETER ARTIGOS O envio do artigo para o 10 Encontro Internacional de Formação de Professores e o 11 Fórum Permanente Internacional de Inovação Educacional deve ser realizado pelo endereço:

Leia mais

MODALIDADES DE SUBMISSÃO DE TEXTOS:

MODALIDADES DE SUBMISSÃO DE TEXTOS: NORMAS PARA ENVIO DOS TRABALHOS MODALIDADES DE SUBMISSÃO DE TEXTOS: 1. RESUMO: Os trabalhos para apresentação nessa modalidade deverão conter de 900 a 1000 caracteres sem espaço, incluindo-se três palavras

Leia mais

VII SEMANA ACADÊMICA INTEGRADA dos Cursos de Administração, Enfermagem e Psicologia 28 a 30 de outubro de 2015

VII SEMANA ACADÊMICA INTEGRADA dos Cursos de Administração, Enfermagem e Psicologia 28 a 30 de outubro de 2015 VII SEMANA ACADÊMICA INTEGRADA dos Cursos de Administração, Enfermagem e Psicologia 28 a 30 de outubro de 2015 NORMAS PARA ENVIO E APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS CIENTÍFICOS Os trabalhos a serem submetidos

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA A REDAÇÃO DE RELATÓRIOS

ORIENTAÇÕES PARA A REDAÇÃO DE RELATÓRIOS ORIENTAÇÕES PARA A REDAÇÃO DE RELATÓRIOS A redação de um relatório científico tem como um de seus principais objetivos registrar com exatidão e clareza como o experimento foi realizado e compreendido.

Leia mais

AS QUESTÕES OBRIGATORIAMENTE DEVEM SER ENTREGUES EM UMA FOLHA À

AS QUESTÕES OBRIGATORIAMENTE DEVEM SER ENTREGUES EM UMA FOLHA À ENSINO FUNDAMENTAL Conteúdos do 8º Ano 3º/4º Bimestre 2014 Trabalho de Dependência Nome: N. o : Turma: Professor(a): Márcio Data: / /2014 Unidade: Cascadura Mananciais Méier Taquara Língua Portuguesa Resultado

Leia mais

1.7 Parágrafo Utilizar uma (1) tabulação (tab.) para iniciar os parágrafos, ou seja, 1,25 cm. Não deixar espaço em branco entre os parágrafos.

1.7 Parágrafo Utilizar uma (1) tabulação (tab.) para iniciar os parágrafos, ou seja, 1,25 cm. Não deixar espaço em branco entre os parágrafos. INFORMAÇÕES GERAIS PARA ENTREGA DE TCC Versão final Assunto: Elaboração dos volumes do TCC aprovado. 1 Diagramação Capítulo I Formatação Aspectos Gráficos 1.1 Tamanho do papel A4 (210 X 297 mm) 1.2 Gramatura

Leia mais

Você abriu uma gravadora de rádio com 2 colegas e estão em busca de um novo nicho de mercado. A tarefa da equipe é elaborar uma telenovela

Você abriu uma gravadora de rádio com 2 colegas e estão em busca de um novo nicho de mercado. A tarefa da equipe é elaborar uma telenovela Você abriu uma gravadora de rádio com 2 colegas e estão em busca de um novo nicho de mercado. A tarefa da equipe é elaborar uma telenovela interessante para cativar os ouvintes a escutarem a estação de

Leia mais

GUIA DE BOAS PRÁTICAS NO USO DO CORPORATIVO

GUIA DE BOAS PRÁTICAS NO USO DO  CORPORATIVO GUIA DE BOAS PRÁTICAS NO USO DO E-MAIL CORPORATIVO ATENÇÃO! O e-mail é uma poderosa ferramenta de comunicação, além de ser um recurso prático e acessível para transmitir mensagens. Por isso deve ser usado

Leia mais

COLÉGIO ADVENTISTA DE ALTAMIRA Ementa de Curso para Portfólio

COLÉGIO ADVENTISTA DE ALTAMIRA Ementa de Curso para Portfólio DISCIPLINA:. Língua Portuguesa SÉRIE/ TURMA:. 9º ano A/B BIMESTRE: 4º 1 e 2 - Texto Perder, ganhar, viver. Pag.( 230, 231 e 232) Leitura do texto; discussão; atividade escrita. Pag. ( 232 e 233) - Atividade

Leia mais

NORMAS PARA SUBMISSÃO DE PROPOSTAS

NORMAS PARA SUBMISSÃO DE PROPOSTAS NORMAS PARA SUBMISSÃO DE PROPOSTAS A Educação Matemática em Revista EMR tem como foco o trabalho do professor em sua prática de educador matemático. Em relação ao seu formato, a revista tem periodicidade

Leia mais

1ª CIRCULAR PARA O VI COLÓQUIO DE TURISMO

1ª CIRCULAR PARA O VI COLÓQUIO DE TURISMO 1ª CIRCULAR PARA O VI COLÓQUIO DE TURISMO Com o objetivo de oferecer um painel sobre o estado da arte do turismo em todas suas dimensões na Região da Biosfera Goyaz, a equipe do Projeto de Pesquisa REGIÃO

Leia mais

NORMAS E APRESENTAÇÃO DOS TRABALHOS

NORMAS E APRESENTAÇÃO DOS TRABALHOS NORMAS E APRESENTAÇÃO DOS TRABALHOS Com respeito aos trabalhos científicos, seja o resumo simples ou expandidos, é de total responsabilidade dos autores o conteúdo e as opiniões emitidas, a adequação das

Leia mais

Projeto de leitura Quem vai desvendar o mistério?

Projeto de leitura Quem vai desvendar o mistério? Projeto de leitura Quem vai desvendar o mistério? Livro: O caso da estranha fotografia Autora: Stella Carr Faixa etária: 6º ano Sinopse: de acordo com o site do http://pnld.edunet.sp.gov.br/, Os irmãos

Leia mais

UFRN PIBID Subprojeto PIBID-Pedagogia SEQUENCIAS DIDÁTICAS

UFRN PIBID Subprojeto PIBID-Pedagogia SEQUENCIAS DIDÁTICAS SEQUENCIAS DIDÁTICAS EXPRESSÃO CORPORAL E ARTÍSTICA Para explorar outras formas de expressão... Produção textual através do texto de imagem por meio da obra: Ritinha Bonitinha - Eva Furnari. Apresentação

Leia mais

XI SEMINÁRIO DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA DA PUC MINAS CHAMADA PARA A SELEÇÃO DE COMUNICAÇÕES ORAIS PARA OS GRUPOS DE TRABALHO (GTs)

XI SEMINÁRIO DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA DA PUC MINAS CHAMADA PARA A SELEÇÃO DE COMUNICAÇÕES ORAIS PARA OS GRUPOS DE TRABALHO (GTs) XI SEMINÁRIO DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA DA PUC MINAS CHAMADA PARA A SELEÇÃO DE COMUNICAÇÕES ORAIS PARA OS GRUPOS DE TRABALHO (GTs) 1. OS GRUPOS DE TRABALHO (GTs) Os grupos de trabalho serão realizados no

Leia mais

2. AVALIAÇÃO DOS TRABALHOS

2. AVALIAÇÃO DOS TRABALHOS 1. ORIENTAÇÕES GERAIS 1.1 As submissões dos trabalhos e vídeos deverão ser feitas após inscrição e pagamento de pelo menos um dos autores no XII ENEX. Este autor será responsável pelo preenchimento da

Leia mais

Comissão da Jovem Advocacia

Comissão da Jovem Advocacia REVISTA ELETRÔNICA O universo jurídico está repleto de informações relevantes à vida em sociedade. Hodiernamente, vivemos em uma sociedade globalizada na qual o conhecimento é amplamente divulgado e debatido

Leia mais

II CONGRESSO ACADÊMICO DE MEDICINA E SAÚDE (II CAMES)

II CONGRESSO ACADÊMICO DE MEDICINA E SAÚDE (II CAMES) II CONGRESSO ACADÊMICO DE MEDICINA E SAÚDE (II CAMES) EDITAL DE TEMAS LIVRES 1. DAS DISPOSIÇOES GERAIS Poderão ser inscritos no II Congresso Acadêmico de Medicina e Saúde (CAMES), a ser realizado entre

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA SECRETARIA DE ASSUNTOS ESTRATÉGICOS PROGRAMA DAS NAÇÕES UNIDAS PARA O DESENVOLVIMENTO

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA SECRETARIA DE ASSUNTOS ESTRATÉGICOS PROGRAMA DAS NAÇÕES UNIDAS PARA O DESENVOLVIMENTO PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA SECRETARIA DE ASSUNTOS ESTRATÉGICOS PROGRAMA DAS NAÇÕES UNIDAS PARA O DESENVOLVIMENTO EDITAL 006/2012 - PROJETO BRA/06/032 CÓDIGO: MAPEAMENTO O Projeto O Projeto BRA/06/032 comunica

Leia mais

Filme: Ilha das Flores

Filme: Ilha das Flores Filme: Ilha das Flores Gênero Documentário Experimental Diretor Jorge Furtado Elenco Ciça Reckziegel Ano 1989 Duração 13 min Cor Colorido Bitola 35mm País Brasil Disponível no Porta Curtas: www.portacurtas.com.br/curtanaescola/filme.asp?cod=647

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL - MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE EDUCAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL - MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE EDUCAÇÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL - MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE EDUCAÇÃO Av. João Naves de Ávila, 2121 = Campus Santa Mônica = Sala 1G156 = CEP:38.408-100 = Uberlândia/MG

Leia mais

O Grupo de Pesquisa do Letramento Literário (GPELL), que integra o Centro de

O Grupo de Pesquisa do Letramento Literário (GPELL), que integra o Centro de XII JOGO DO LIVRO E II SEMINÁRIO INTERNACIONAL LATINO-AMERICANO DIAS 8, 9 E 10 DE NOVEMBRO DE 2017 INSCRIÇÕES A PARTIR DE 29 DE JUNHO FACULDADE EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS O Grupo de

Leia mais

Modelagem de Processos

Modelagem de Processos Modelagem de Processos Prof. Reginaldo Gotardo UNISEB Centro Universitário 30/7/2013 Recados importantes Pré-aula Fóruns Mensagens Material auxiliar Estudos e leituras complementares Plantões Roteiros

Leia mais

PRORROGAÇÃO DO PERÍODO DE INSCRIÇÕES PROGRAMA DE BOLSAS DE PESQUISA. Centro Celso Furtado e BNB 2012

PRORROGAÇÃO DO PERÍODO DE INSCRIÇÕES PROGRAMA DE BOLSAS DE PESQUISA. Centro Celso Furtado e BNB 2012 PRORROGAÇÃO DO PERÍODO DE INSCRIÇÕES PROGRAMA DE BOLSAS DE PESQUISA Centro Celso Furtado e BNB 2012 ALTERAÇÃO DO EDITAL 02/2012, DE 30 DE MARÇO DE 2012 O período de inscrição e envio da totalidade dos

Leia mais

EDITAL 02/2016 SUBMISSÃO DE TRABALHOS

EDITAL 02/2016 SUBMISSÃO DE TRABALHOS EDITAL 02/2016 SUBMISSÃO DE TRABALHOS A Comissão Científica da Semana Universitária 2016 FACAPE & UPE, no uso de suas atribuições, torna público as normas que nortearão o processo de submissão, avaliação

Leia mais

FACULDADE LEÃO SAMPAIO 2º CONGRESSO CARIRIENSE DE BIOMEDICINA

FACULDADE LEÃO SAMPAIO 2º CONGRESSO CARIRIENSE DE BIOMEDICINA FACULDADE LEÃO SAMPAIO 2º CONGRESSO CARIRIENSE DE BIOMEDICINA Dispõe sobre normas para inscrição de trabalhos científicos no 2º Congresso Caririense de Biomedicina CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art.1º

Leia mais

Unidade II Cultura: a pluralidade na expressão humana Aula 18.2 Conteúdos:

Unidade II Cultura: a pluralidade na expressão humana Aula 18.2 Conteúdos: 2 Unidade II Cultura: a pluralidade na expressão humana Aula 18.2 Conteúdos: Modos Verbais; O conceito de Flexão Verbal. 3 Habilidades: Observar os usos dos modos verbais; Compreender o conceito de flexão

Leia mais

REGRAS PARA SUBMISSÃO DE TRABALHO NA MOSTRA DE PESQUISA EM CIÊNCIA E TECNOLOGIA 2017

REGRAS PARA SUBMISSÃO DE TRABALHO NA MOSTRA DE PESQUISA EM CIÊNCIA E TECNOLOGIA 2017 REGRAS PARA SUBMISSÃO DE TRABALHO NA MOSTRA DE PESQUISA EM CIÊNCIA E TECNOLOGIA 2017 1. INSCRIÇÕES 1.1. Poderão inscrever-se no evento: estudantes (com anuência do professor orientador do trabalho), professores,

Leia mais

O jornal com a cara que você quer

O jornal com a cara que você quer O jornal com a cara que você quer DIAGRAMAR é determinar a localização dos textos e figuras (ilustrações) no seu jornal. Para isso utilizamos uma Folha de Diagramação, fornecida pelo Projeto. Nas próximas

Leia mais

ATENÇÃO: O envio dos trabalhos deve ser feito até 30/11/2016

ATENÇÃO: O envio dos trabalhos deve ser feito até 30/11/2016 II Congresso Brasileiro da Associação Nacional dos Detrans Instruções para submissão de trabalhos técnicos O envio dos resumos dos trabalhos deve ser feito exclusivamente pelo site www.congressoand.com

Leia mais

A história social do Jazz 1

A história social do Jazz 1 A história social do Jazz 1 Andressa MALTACA 2 Jhonny ISAC 3 Gustavo Guilherme da Matta Caetano LOPES 4 Faculdade Internacional de Curitiba FACINTER Curitiba/PR RESUMO A história social do jazz é um áudio

Leia mais

O Resto Vocês Inventam

O Resto Vocês Inventam O Resto Vocês Inventam Andrea Cristina do NASCIMENTO Ana Carolina de OLIVEIRA Bruna Santana TENGUAN Isabelly Sabô BARBOSA Jessica Fernanda dos SANTOS Monalyza Rayanne Maia da COSTA Pamella Francisco MANOEL

Leia mais

I EDIÇÃO DO PRÉMIO NACIONAL DO CONTO DE FILOSOFIA PARA CRIANÇAS ANO LETIVO 2016/2017

I EDIÇÃO DO PRÉMIO NACIONAL DO CONTO DE FILOSOFIA PARA CRIANÇAS ANO LETIVO 2016/2017 I EDIÇÃO DO PRÉMIO NACIONAL DO CONTO DE FILOSOFIA PARA CRIANÇAS ANO LETIVO 2016/2017 O Agrupamento de Escolas de Moimenta da Beira e a Associação Portuguesa de Ética e Filosofia Prática promovem a I Edição

Leia mais

EDITAL Nº 001/ Fica alterado o cronograma do Edital nº 001/2016/, substituindo-se os termos do Art. 17.

EDITAL Nº 001/ Fica alterado o cronograma do Edital nº 001/2016/, substituindo-se os termos do Art. 17. EDITAL Nº 001/2017 A Subcomissão de Estudos e Educação Jurídica OAB - Subseção Criciúma SC, altera o cronograma do Edital 001/2016, referente as inscrições para o PROCESSO DE SELEÇÃO DE ARTIGOS para compor

Leia mais

A cidade e o campo. Leitura e interpretação Atividade impressa; Vocabulário no caderno;

A cidade e o campo. Leitura e interpretação Atividade impressa; Vocabulário no caderno; 3º Ano - A 3º Ano - A 3º Ano - A 3º Ano - A 3º Ano - A 1ª e 3ª e 3º ano A - Manhã - 08/08/2016 Segunda-feira Reflexão sobre a escrita palavras com s e z, págs.140 a 155; Págs.156 a 159 (Lição de casa,

Leia mais

Primeira Escrita DIRETRIZES PARA AUTOR(ES)

Primeira Escrita DIRETRIZES PARA AUTOR(ES) 170 DIRETRIZES PARA AUTOR(ES) Serão aceitos artigo, resenhas, poemas e contos que apresentem contribuição inédita, acrescentem saberes à área, não violem os direitos autorais e humanos e estejam em conformidade

Leia mais

Tópicos da História da Física Clássica

Tópicos da História da Física Clássica Tópicos da História da Física Clássica Descartes Victor O. Rivelles Instituto de Física da Universidade de São Paulo Edifício Principal, Ala Central, sala 354 e-mail: rivelles@fma.if.usp.br http://www.fma.if.usp.br/~rivelles

Leia mais

Como elaborar um artigo cientíico

Como elaborar um artigo cientíico Como elaborar um artigo cientíico O que é um artigo cientiico? Comunicação de idéias e informações de maneira clara e concisa. Característica: publicação em periódicos científicos. Artigo científico é

Leia mais

Sistema COC de Educação Unidade Portugal

Sistema COC de Educação Unidade Portugal Sistema COC de Educação Unidade Portugal Ribeirão Preto, de de 2010. Nome: 3 o ano (2 a série) AVALIAÇÃO DO CONTEÚDO DO GRUPO V 2 o BIMESTRE Eixo temático Ações de cidadania Disciplina/Valor Português

Leia mais

UC Laboratório de redes I. Aula 13 Análise de protocolos

UC Laboratório de redes I. Aula 13 Análise de protocolos SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM COMERCIAL FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC PELOTAS Docente: Nataniel Vieira 1 semestre Tecnólogo em redes de computadores UC Laboratório de redes I Aula 13 Análise de protocolos

Leia mais

MARKETING: LAYOUT E DESIGN. Beatriz Costa

MARKETING: LAYOUT E DESIGN. Beatriz Costa E-MAIL MARKETING: LAYOUT E DESIGN Beatriz Costa O QUE FAZ UM E-MAIL MARKETING DAR CERTO? CONJUNTO DE FATORES: Qualidade do mailing Planejamento Conteúdo Design PLANEJAMENTO 1) QUEM É SEU PÚBLICO-ALVO?

Leia mais

EDUCAÇÃO DO SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO EDUSESC Módulo de Educação e Cultura MEC Ensino Médio

EDUCAÇÃO DO SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO EDUSESC Módulo de Educação e Cultura MEC Ensino Médio EDUCAÇÃO DO SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO EDUSESC Módulo de Educação e Cultura MEC Ensino Médio TRABALHO DE INVESTIGAÇÃO FONTES DE ENERGIA ALTERNATIVA Prof. Diones Charles Física 2 2º ano A Taguatinga, 22

Leia mais

REGRAS PARA SUBMISSÃO DE TRABALHO NA VII MOSTRA DE PESQUISA EM CIÊNCIA E TECNOLOGIA DEVRY BRASIL 2016

REGRAS PARA SUBMISSÃO DE TRABALHO NA VII MOSTRA DE PESQUISA EM CIÊNCIA E TECNOLOGIA DEVRY BRASIL 2016 REGRAS PARA SUBMISSÃO DE TRABALHO NA VII MOSTRA DE PESQUISA EM CIÊNCIA E TECNOLOGIA DEVRY BRASIL 2016 1. INSCRIÇÕES 1.1. Poderão inscrever-se no evento: estudantes (com anuência do professor orientador

Leia mais

Vestibular ª Fase REDAÇÃO. Aguarde a autorização para abrir o caderno e iniciar a prova

Vestibular ª Fase REDAÇÃO. Aguarde a autorização para abrir o caderno e iniciar a prova Vestibular 2010 1ª Fase REDAÇÃO Instruções Gerais: Aguarde a autorização para abrir o caderno e iniciar a prova No dia de hoje (01/11), você deverá elaborar uma Redação e responder às questões de Língua

Leia mais

ORIENTAÇÃO GERAL PARA CONSTRUÇÃO DO SEU CADERNO DE REALIDADE

ORIENTAÇÃO GERAL PARA CONSTRUÇÃO DO SEU CADERNO DE REALIDADE ORIENTAÇÃO GERAL PARA CONSTRUÇÃO DO SEU CADERNO DE REALIDADE Professores: Dayse Lúcide e Luis Novais Fonte: Arial ou times Tam: 12. Espaçamento: 1,5. Margens: 2,5, (todas). Numerar a partir da 3ª página,

Leia mais

Resumo: Realizar aqui o resumo do seu artigo

Resumo: Realizar aqui o resumo do seu artigo TÍTULO DO ARTIGO. USE ESTE MODELO, SALVANDO-O COMO DOCUMENTO DO WORD. DEPOIS SOBRESCREVA ESTE TÍTULO E FAÇA O MESMO NAS OUTRAS SEÇÕES, LENDO ATENTAMENTE AS INSTRUÇÕES. AQUI A FONTE É TIMES NEW ROMAM 12,

Leia mais

CONCURSO DA UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE/2014 FORMULÁRIO DE RESPOSTA AOS RECURSOS - DA LETRA PARA A LETRA

CONCURSO DA UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE/2014 FORMULÁRIO DE RESPOSTA AOS RECURSOS - DA LETRA PARA A LETRA QUESTÃO: 01 Na argumentação, a autora recorre a todas as estratégias arroladas na questão, exceto a indicada pelo Gabarito. Assim, por exemplo, a dados estatísticos: aqui, dois terços dos usuários ainda

Leia mais

Como aliar sustentabilidade e tecnologia. Como aliar sustentabilidade e tecnologiav facebook.com/bigideiatv

Como aliar sustentabilidade e tecnologia. Como aliar sustentabilidade e tecnologiav facebook.com/bigideiatv Como aliar sustentabilidade e tecnologia 1 Índice 3 Introdução 8 Inspire-se em outras empresas 4 Avalie seus processos 9 Elimine excessos e desperdícios 5 Busque novas soluções 10 Conclusão 6 Pesquise

Leia mais

Guia para formatação de publicações originais (Coleção Fronteiras e Desafios Contemporâneos)

Guia para formatação de publicações originais (Coleção Fronteiras e Desafios Contemporâneos) Guia para formatação de publicações originais (Coleção Fronteiras e Desafios Contemporâneos) Introdução Em parceria com a Editora Unesp, sob o selo Cultura Acadêmica, a Pró- Reitoria de Pesquisa (PROPe)

Leia mais

JOGO DA MEMÓRIA DE 10 ESCOLHA UMA DUPLA PARA JOGAR ESTE JOGO. LEIA AS REGRAS E BOM DIVERTIMENTO!

JOGO DA MEMÓRIA DE 10 ESCOLHA UMA DUPLA PARA JOGAR ESTE JOGO. LEIA AS REGRAS E BOM DIVERTIMENTO! 1º ANO MATEMÁTICA JOGO DA MEMÓRIA DE 10 ESCOLHA UMA DUPLA PARA JOGAR ESTE JOGO. LEIA AS REGRAS E BOM DIVERTIMENTO! REGRAS: 1- PEGUE UM BARALHO E SEPARE AS CARTAS QUE FAZEM PARES QUE SOMAM 10 PONTOS (1,2,3,4,5,6,7,8

Leia mais

Essa história aconteceu há

Essa história aconteceu há O HOMEM DO SACO Essa história aconteceu há mais de vinte anos, num dia nublado. Perfeito para Josué, Mateus, Antonia e Frederico começarem o dia colocando o plano combinado em ação. Estavam de férias,

Leia mais

O PIBID na escola: da formação docente aos espaços educativos da Educação Básica

O PIBID na escola: da formação docente aos espaços educativos da Educação Básica IV SEMINÁRIO INSTITUCIONAL INTEGRADOR DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID URI Santo Ângelo/RS, 03 e 04 de dezembro de 2014. O PIBID na escola: da formação docente aos espaços educativos da Educação Básica

Leia mais

Produção de tutoriais. Patrícia Osório Pereira

Produção de tutoriais. Patrícia Osório Pereira Prefeitura de Volta Redonda Secretaria Municipal de Educação Implementação de Informática Aplicada à Educação Produção de tutoriais Patrícia Osório Pereira Audacity Criando áudio para Rádio Oficina de

Leia mais

CURSO DE DIREITO APS - ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS

CURSO DE DIREITO APS - ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS CURSO DE DIREITO APS - ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS ORIENTAÇÕES AOS ALUNOS FORTALEZA.2 ALUNOS - ROTEIRO E REGRAS PARA APS.2 Todos os(as) alunos(as) a partir da grade 2010.1 deverão cursar a disciplina

Leia mais

Deseja mais Sucesso no Facebook? >> Clique Aqui <<

Deseja mais Sucesso no Facebook? >> Clique Aqui << #1 DÊ PRIORIDADE A SUA FANPAGE, NÃO AO PERFIL É muito comum, cantores e músicos divulgarem no Facebook através de seus perfis pessoais. O problema é que esta prática não é recomendada pelo Facebook e você

Leia mais

Como formatar a sua Monografia no Microsoft Word (2007) Como formatar o tipo e o tamanho da fonte

Como formatar a sua Monografia no Microsoft Word (2007) Como formatar o tipo e o tamanho da fonte Como formatar a sua Monografia no Microsoft Word (2007) Chegou a hora de desenvolver sua monografia de conclusão de curso e você ainda não tem ideia nem de como formatar seu trabalho (nos moldes das normas

Leia mais

Poesia Pra Tocar No Rádio A Vida E Obra De Alice Ruiz 1. Joice BITTENCOURT 2 Bruna ARAÚJO 3 Diego FRANCO 4 Universidade Metodista de São Paulo, SP

Poesia Pra Tocar No Rádio A Vida E Obra De Alice Ruiz 1. Joice BITTENCOURT 2 Bruna ARAÚJO 3 Diego FRANCO 4 Universidade Metodista de São Paulo, SP Poesia Pra Tocar No Rádio A Vida E Obra De Alice Ruiz 1 Joice BITTENCOURT 2 Bruna ARAÚJO 3 Diego FRANCO 4 Universidade Metodista de São Paulo, SP RESUMO Poesia pra tocar no rádio A vida e a obra de Alice

Leia mais

Engenharia Cartográfica Comunicação e Expressão. Maria Cecilia Bonato Brandalize º Semestre

Engenharia Cartográfica Comunicação e Expressão. Maria Cecilia Bonato Brandalize º Semestre Engenharia Cartográfica Comunicação e Expressão Maria Cecilia Bonato Brandalize 2015 1º Semestre Tópicos 1. Apresentação Oral 1.1. Importância 1.2. Suporte 1.3. Preparação 1.4. Dicas Importantes 2. Trabalho

Leia mais

EDITAL Nº 35 DE 27 DE JUNHO DE 2016 SELEÇÃO INTERNA DE PROGRAMAS/PROJETOS DE EXTENSÃO PARA PARTICIPAÇÃO NO 17º SALÃO DE EXTENSÃO DA UFRGS

EDITAL Nº 35 DE 27 DE JUNHO DE 2016 SELEÇÃO INTERNA DE PROGRAMAS/PROJETOS DE EXTENSÃO PARA PARTICIPAÇÃO NO 17º SALÃO DE EXTENSÃO DA UFRGS EDITAL Nº 35 DE 27 DE JUNHO DE 2016 SELEÇÃO INTERNA DE PROGRAMAS/PROJETOS DE EXTENSÃO PARA PARTICIPAÇÃO NO 17º SALÃO DE EXTENSÃO DA UFRGS O Diretor-Geral do do Instituto Federal de Educação, Ciência e

Leia mais