TERMOS DE USO E LICENÇA DE SOFTWARE

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "TERMOS DE USO E LICENÇA DE SOFTWARE"

Transcrição

1 TERMOS DE USO E LICENÇA DE SOFTWARE 1. TERMOS DE USO E SUA ACEITAÇÃO Este Termo de Uso (doravante denominado "Termo de Uso") regulamenta o uso e o licenciamento do software descrito na proposta comercial aprovada pelo CLIENTE que ALUMISOFT SISTEMAS LTDA., pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CNPJ sob nº / , com sede na Rua Ernestina Vieira Neves n.º 366 em Sorocaba/SP, (doravante, "ALUMISOFT") oferece aos seus CLIENTES. O pagamento do boleto bancário enviado pela ALUMISOFT, o acesso ao SOFTWARE ou a utilização de qualquer de suas funcionalidades atribui a condição de CLIENTE ao usuário e implica na aceitação plena e sem reserva de todos os itens deste TERMOS DE USO E LICENÇA DE SOFTWARE na versão publicada na internet no momento da utilização do SOFTWARE e também da proposta comercial recebida pelo CLIENTE que é considerada como parte integrante do presente termo. Deste modo, o CLIENTE deve estar ciente deste Termo de Uso e concordar com seu conteúdo sempre que utilizar o SOFTWARE, pois este pode sofrer modificações. A utilização do SOFTWARE também está submetida a todos os avisos, regulamentos de uso e instruções disponibilizados ao CLIENTE pela ALUMISOFT através de seu site (www.alumisoft.com.br) ou de outros meios, os quais complementam as previsões deste Termo de Uso à medida que não se opuserem a ele. 1.1 Glossário Para os fins deste contrato, os termos e expressões abaixo, no singular ou no plural, terão o seguinte significado: Versão: a identificação de um sistema de computador que indica uma evolução da versão original ou antecessora. Em geral, a empresa desenvolvedora do sistema identifica a versão com um nome próprio ou numeração, na maioria das vezes sequencial. Build: É uma versão menor (compilada) de um sistema de computador ou parte dele que contém um conjunto de recursos e atualizações que integrarão ao sistema existente. Em geral, a empresa desenvolvedora do sistema identifica a build da versão com uma numeração, na maioria das vezes sequencial e que indica data de sua criação. Projetista: Empresa e/ou profissional que elabora, disponibiliza e pode atualizar os projetos de esquadrias que estão na Base de Dados do sistema. Base de Dados: Ou Banco de dados, são coleções de informações que se relacionam de forma que crie um sentido. Obra: Registro no sistema que permite gerar informações como levantamento de material e custos para venda, produção e compra de material para as esquadrias da obra.

2 Tipologia: Tipologia se refere à estrutura técnica composta principalmente por perfis, componentes e vidros. É através desta estrutura, criada por projetistas, que o sistema realiza o calculo para venda, produção e compra de material para as esquadrias da obra. 2. OBJETO O presente termo regulamenta a Licença de uso do software disponibilizado pela ALUMISOFT ao CLIENTE, conforme nomenclatura e funcionalidades descritas na proposta aprovada pelo CLIENTE. Pelo presente contrato o CLIENTE adquire direito única e exclusivamente a Licença de uso do Software descrito na proposta, não fazendo o CLIENTE jus aos serviços de suporte ou a atualizações. 3. CONDIÇÕES DE ACESSO E UTILIZAÇÃO DO SOFTWARE 3.1 Dos valores para instalação e utilização do SOFTWARE A ALUMISOFT fornecerá ao CLIENTE uma ou mais licenças para utilização do SOFTWARE, mediante contraprestação conforme disposto na proposta comercial enviada pelo departamento comercial da ALUMISOFT e aprovada pelo CLIENTE. O CLIENTE poderá negociar com o departamento comercial da ALUMISOFT a aquisição de licenças adicionais a fim de atender às suas necessidades futuras. 3.2 Da Cobrança e dos valores O CLIENTE se compromete a efetuar pontualmente, na data constante da proposta comercial recebida da ALUMISOFT, o pagamento devido pela aquisição da licença do SOFTWARE. A ALUMISOFT reserva ao direito de apenas liberar acesso ao SOFTWARE ao CLIENTE após a confirmação do pagamento do boleto pelo banco. 3.3 Da Obrigação de utilizar e acessar o SOFTWARE e os serviços corretamente O CLIENTE se compromete a utilizar o SOFTWARE e os serviços em conformidade com a lei, com o disposto neste Termo de Uso, com os avisos, regulamentos de uso e instruções levados ao seu conhecimento, bem como com a ordem pública, com a moral e os bons costumes geralmente aceitos. O CLIENTE compromete-se a manter em seu estabelecimento internet banda larga, para a utilização do software em tela, visto ter conhecimento que o presente software necessita de constantes e regulares atualizações, registros e validações que são realizadas pela internet.

3 4. LICENÇA O SOFTWARE, seus conteúdos, design, funcionalidades, códigos fontes e todas as marcas, nomes comerciais ou sinais distintivos de qualquer espécie que fazem parte do SOFTWARE são de propriedade da ALUMISOFT ou de terceiros, sem que a licença de uso ou acesso ao SOFTWARE ou seus conteúdos possa ser entendido como cessão de direitos ou autorização para que o CLIENTE possa utilizar tais marcas, nomes ou sinais. O CLIENTE não poderá duplicar ou copiar, ainda que parcialmente, o software ou sua documentação técnica e licenças sob pena de serem adotadas todas as medidas legalmente cabíveis em razão da violação dos direitos de propriedade do software. 5. SERVIÇOS DE SUPORTE 5.1. O presente termo de uso e licença não dá direito a suporte técnico ou a atualizações do software. Caso o CLIENTE tenha interesse poderá negociar com o departamento comercial da ALUMISOFT sua adesão ao Acordo de Atualização e Suporte Técnico de Software Limitação de Suporte: A ALUMISOFT se reserva ao direito de não disponibilizar seus serviços de suporte e apoio para atualizações (Builds) do SOFTWARE anteriores àquelas disponíveis em seu site (http://www.alumisoftweb.com.br/cws/) O suporte técnico oferecido pela ALUMISOFT limita-se aos softwares desenvolvidos e/ou fornecidos por ela ou seus parceiros, não compreendendo softwares de terceiros ou hardwares de qualquer espécie. 6. EXCLUSÃO DE GARANTIAS E DE RESPONSABILIDADE Em decorrência de questões técnicas e operacionais, a ALUMISOFT não pode garantir a disponibilidade e continuidade do funcionamento do SOFTWARE em tempo integral. A ALUMISOFT, ou qualquer empresa filiada ou ligada a ela, não será responsável pela perda de dados ou informações armazenados ou alimentados no software, sendo responsabilidade do CLIENTE efetuar backup das suas informações. A ALUMISOFT, ou qualquer empresa filiada ou ligada a ela, não se responsabiliza por perdas de produtividade, prejuízos na produção, perdas ou sobras de materiais, custos com paralizações ou lucros cessantes de qualquer espécie, especialmente aqueles decorrentes da utilização do banco de dados que acompanha o SOFTWARE. O CLIENTE declara estar ciente de que o banco de dados que acompanha o SOFTWARE destina-se meramente a referências orientativas, devendo todos os resultados ser conferidos por profissional devidamente habilitado, previamente à execução dos serviços. O CLIENTE declara estar ciente que o banco de dados que acompanha o SOFTWARE contém informações provenientes de terceiros, sendo destes terceiros a responsabilidade pela integridade e correção das informações inseridas no banco de dados.

4 A ALUMISOFT SE EXIME, EM TODA A EXTENSÃO PERMITIDA PELO ORDENAMENTO JURÍDICO BRASILEIRO, DE QUALQUER RESPONSABILIDADE PELOS DANOS E PREJUÍZOS DE TODA NATUREZA QUE POSSAM DECORRER DO USO OU DA FALTA DE DISPONIBILIDADE DO SOFTWARE, DE QUALQUER DE SUAS FUNCIONALIDADES OU DE SEU BANCO DE DADOS. 7. NOTIFICAÇÕES Todas as notificações e comunicações (doravante, denominadas "Notificações") por parte do CLIENTE à ALUMISOFT, consideram-se eficazes, para todos os efeitos, quando forem dirigidas ao seguinte endereço eletrônico: Todas as notificações e comunicações (doravante, denominadas "Notificações") por parte da ALUMISOFT ao CLIENTE, considerar-se-ão eficazes, para todos os efeitos, quando se realizarem em uma das seguintes formas: a) envio de mensagem por correio eletrônico a qualquer dos endereços válidos fornecidos pelo CLIENTE ao departamento comercial; b) mediante mensagens exibidas no SOFTWARE; c) mediante o site da ALUMISOFT em seu local de acesso exclusivo ao CLIENTE. Neste sentido, todas as Notificações que a ALUMISOFT realizar serão consideradas válidas quando efetuadas empregando os dados fornecidos pelo CLIENTE e através dos meios anteriormente destacados. Para este efeito, o CLIENTE declara que todos os dados fornecidos são válidos e corretos, comprometendo-se a comunicar a ALUMISOFT todas as mudanças relativas aos dados de notificação e contato, mantendo-os sempre atualizados. 8. RETIRADA E SUSPENSÃO DOS SERVIÇOS A ALUMISOFT se reserva o direito de retirar o acesso ao SOFTWARE a qualquer momento e mediante prévia notificação, por iniciativa própria ou por exigência de um terceiro, àquele CLIENTE que descumprir este Termo de Uso. 9. VIGÊNCIA A licença de uso do SOFTWARE tem duração indeterminada, permanecendo desde que seu valor tenha sido devidamente quitado para a versão contratada. A ALUMISOFT, no entanto, poderá dar por terminado, suspender ou interromper, a qualquer momento, mediante notificação, o acesso ao SOFTWARE e/ou a qualquer dos conteúdos caso o CLIENTE descumpra quaisquer cláusulas do presente termo, sendo este mesmo direito concedido ao CLIENTE. 10. CADASTRO PUBLICITÁRIO O CLIENTE autoriza a ALUMISOFT a utilizar seu nome e logotipo em peças publicitárias, podendo apresenta-lo como seu CLIENTE em sites de internet, banners, folders, etc.

5 11. LEI APLICÁVEL E FORO DE ELEIÇÃO Este Termo de Uso é regido pela legislação brasileira As partes de comum acordo elegem o Foro da Comarca de Sorocaba/SP com renúncia a qualquer outro por mais privilegiado que possa ser, para que nele sejam dirimidas todas as questões ou atos oriundos do presente instrumento. Contrato Registrado sob o numero no 1º Cartório Oficial de Registro de Títulos e Documentos de Sorocaba.

2. Os Serviços de Suporte Técnico e Atualização da SOLUÇÃO compreenderão: Recepção e Resolução de Chamados de Suporte.

2. Os Serviços de Suporte Técnico e Atualização da SOLUÇÃO compreenderão: Recepção e Resolução de Chamados de Suporte. Este documento descreve como deverão ser prestados os serviços de suporte técnico e atualização da solução de Gestão do Risco Operacional e Controles Internos, doravante chamada SOLUÇÃO, compreendendo

Leia mais

(4) Não efetuamos alterações nem adaptações de qualquer natureza no software visando adaptar ao uso específico dos usuários.

(4) Não efetuamos alterações nem adaptações de qualquer natureza no software visando adaptar ao uso específico dos usuários. LEIA COM ATENÇÃO: (1) Os TERMOS DE USO dos SOFTWARES disponibilizados no SITE, são regidos pelo CONTRATO DE ADESÃO DE LICENÇA DE USO DE SOFTWARE, exibido abaixo. Caso não aceite os termos de uso, não utilize

Leia mais

TERMO DE USO DE APLICATIVO ZAP AGROCOM 1. OBJETO

TERMO DE USO DE APLICATIVO ZAP AGROCOM 1. OBJETO TERMO DE USO DE APLICATIVO ZAP AGROCOM 1. OBJETO 1.1. Este Termo de Uso, doravante denominado apenas de Termo, apresenta as condições para o uso do aplicativo denominado ZAP AGROCOM, ferramenta de apoio,

Leia mais

Atualizado em 16/06/2016 TERMO DE USO

Atualizado em 16/06/2016 TERMO DE USO TERMO DE USO Termo de Uso SEJA BEM-VINDO AO SUASVENDAS! Recomendamos que antes de utilizar os serviços oferecidos pelo SuasVendas, leia atentamente os Termos de Uso a seguir para ficar ciente de seus direitos

Leia mais

TERMO DE COMPROMISSO E RESPONSABILIDADE DA REDE CREDENCIADA MARKETUP

TERMO DE COMPROMISSO E RESPONSABILIDADE DA REDE CREDENCIADA MARKETUP TERMO DE COMPROMISSO E RESPONSABILIDADE DA REDE CREDENCIADA MARKETUP Este Termo de Compromisso e Responsabilidade é um acordo legal entre, pessoa, inscrita no sob o nº, na, nº,,,,, doravante denominado

Leia mais

TERMOS DE USO SITE

TERMOS DE USO SITE TERMOS DE USO SITE WWW.BRITISHSCHOOL.G12.BR Os presentes Termos de Uso regulam as condições gerais de utilização dos sites, plataformas e aplicações de Internet da ASSOSSIAÇÃO BRITANICA DE EDUCAÇÃO (BRITISHSCHOOL),

Leia mais

Pelo presente instrumento, são partes, de um lado

Pelo presente instrumento, são partes, de um lado CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSESSORIA, CONSULTORIA E INTERMEDIAÇÃO Pelo presente instrumento, são partes, de um lado LOCADORA DE VEICULOS LTDA. LOCADORA RENT, pessoa jurídica de direito privado,

Leia mais

CONTRATO PARA DESENVOLVIMENTO DO SOFTWARE DAS PARTES

CONTRATO PARA DESENVOLVIMENTO DO SOFTWARE DAS PARTES CONTRATO PARA DESENVOLVIMENTO DO SOFTWARE DAS PARTES CONTRATANTE: Empresa Faculdade Senac, inscrita no CNPJ número 1234-45678898877-00, localizada na Rua 1002, Setor Leste Universitário GO, CEP 74645-010,

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE RELACIONAMENTO REDE SCB REDE DOS SERVIÇOS DE CRÉDITO DO BRASIL LTDA. PROGRAMA "De Olho no Ponto"

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE RELACIONAMENTO REDE SCB REDE DOS SERVIÇOS DE CRÉDITO DO BRASIL LTDA. PROGRAMA De Olho no Ponto REGULAMENTO DO PROGRAMA DE RELACIONAMENTO REDE SCB REDE DOS SERVIÇOS DE CRÉDITO DO BRASIL LTDA. PROGRAMA "De Olho no Ponto" 1º. Registro nº. 1.372.079, de 21 de setembro de 2012 5º Oficial de Registro

Leia mais

Ministério do Trabalho Secretaria de Inspeção do Trabalho Departamento de Segurança e Saúde no Trabalho SCPO SISTEMA DE COMUNICAÇÃO PRÉVIA DE OBRAS

Ministério do Trabalho Secretaria de Inspeção do Trabalho Departamento de Segurança e Saúde no Trabalho SCPO SISTEMA DE COMUNICAÇÃO PRÉVIA DE OBRAS Ministério do Trabalho Secretaria de Inspeção do Trabalho Departamento de Segurança e Saúde no Trabalho SCPO SISTEMA DE COMUNICAÇÃO PRÉVIA DE OBRAS PERGUNTAS E RESPOSTAS Brasília - DF Ano 2016 1 Sumário

Leia mais

Política de Privacidade

Política de Privacidade Política de Privacidade INFOCAP TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO LTDA A presente Política regula as condições gerais de coleta, uso, armazenamento, tratamento e proteção de dados nos sites, plataformas e aplicações

Leia mais

Termos de Uso. Acervo de Recursos Educacionais em Saúde - ARES

Termos de Uso. Acervo de Recursos Educacionais em Saúde - ARES Termos de Uso Acervo de Recursos Educacionais em Saúde - ARES Brasília Junho de 2015 SOBRE O ARES... 3 USO DO ARES... 3 PROTEÇÃO DOS DIREITOS AUTORAIS... 4 USOS PERMITIDOS... 4 USOS QUE NECESSISTAM DE

Leia mais

Legalidade do Uso e Distribuição de Software Livre pela Administração Pública

Legalidade do Uso e Distribuição de Software Livre pela Administração Pública UniCeuB From the SelectedWorks of Ivo Teixeira Gico Jr. 2004 Legalidade do Uso e Distribuição de Software Livre pela Administração Pública Ivo T. Gico Available at: http://works.bepress.com/ivo_teixeira_gico_junior/33/

Leia mais

TERMOS DE USO PORTAL CRIOULISTA.COM

TERMOS DE USO PORTAL CRIOULISTA.COM TERMOS DE USO PORTAL CRIOULISTA.COM PARTES CONTRATADA: ATC SERVIÇOS ONLINE LTDA, pessoa jurídica de direito privado, com sede na cidade de Porto Alegre, Estado do Rio Grande do Sul, inscrita no CNPJ sob

Leia mais

Termos de uso do Guia Balada Vip Net

Termos de uso do Guia Balada Vip Net Termos de uso do Guia Balada Vip Net 1. PARTES 1.1 Estes Termos de Uso aplicam-se entre, de um lado, Jardel Charles Rauber, doravante designada Balada Vip Net, e, de outro lado, a todo e qualquer usuário,

Leia mais

POCKET PCS GARANTIA LIMITADA MUNDIAL E SUPORTE TÉCNICO

POCKET PCS GARANTIA LIMITADA MUNDIAL E SUPORTE TÉCNICO POCKET PCS GARANTIA LIMITADA MUNDIAL E SUPORTE TÉCNICO Condições gerais EXCETO CONFORME EXPRESSAMENTE ESPECIFICADO ADIANTE NESTA GARANTIA LIMITADA, A HP NÃO DÁ NENHUMA OUTRA GARANTIA OU FAZ CONDIÇÕES,

Leia mais

Termos e condições de uso do site SebosOnline.com

Termos e condições de uso do site SebosOnline.com Termos e condições de uso do site SebosOnline.com Instrumento Particular de Termos de Uso que fazem entre si justa e contratadas de um lado o USUÁRIO-COMPRADOR e de outro SebosOnline.com Serviços de Busca

Leia mais

SERVIÇO OI BLACKBERRY BIS

SERVIÇO OI BLACKBERRY BIS Via Do Cliente SERVIÇO OI BLACKBERRY BIS Certificamos a sua adesão ao Serviço Oi BlackBerry BIS, para acesso a internet e acesso a e-mail (através do tráfego pela APN BlackBerry.net.com) com a utilização

Leia mais

Neste ato representado de acordo com o que dispõem os seus respectivos atos de constituição societária.

Neste ato representado de acordo com o que dispõem os seus respectivos atos de constituição societária. TERMOS E CONDIÇÕES PARA ADESÃO AO SISTEMA DE INTERMEDIAÇÃO DE NEGÓCIOS Neste ato representado de acordo com o que dispõem os seus respectivos atos de constituição societária. PRESTADORA: 06. Razão Social:.

Leia mais

Manual para emissão do CPF na CRC Nacional versão 1.0

Manual para emissão do CPF na CRC Nacional versão 1.0 Normatização: Manual para emissão do CPF na CRC Nacional versão 1.0 Instrução Normativa Receita Federal Brasileira nº 1548/2015 Art. 3º Estão obrigadas a inscrever-se no CPF as pessoas físicas: V - registradas

Leia mais

TERMO DE PARTICIPAÇÃO NO PROGRAMA DE RELACIONAMENTO COM CLIENTES DE ENCOMENDAS

TERMO DE PARTICIPAÇÃO NO PROGRAMA DE RELACIONAMENTO COM CLIENTES DE ENCOMENDAS TERMO DE PARTICIPAÇÃO NO PROGRAMA DE RELACIONAMENTO COM CLIENTES DE ENCOMENDAS 1 OBJETO DO TERMO Com o intuito de retribuir a preferência dos clientes de serviços de encomendas dos CORREIOS que possuem

Leia mais

SEGURANÇA PATRIMONIAL E OPERACIONAL RD N : 16 DATA DE EMISSÃO 12/08/1999

SEGURANÇA PATRIMONIAL E OPERACIONAL RD N : 16 DATA DE EMISSÃO 12/08/1999 NP- AD-019 1 de 5 Índice: 1 DO OBJETIVO...2 2 DA ÁREA DE APLICAÇÃO...2 3 DAS DEFINIÇÕES...2 3.1 DAS SIGLAS...2 3.2 DOS CONCEITOS...2 3.3 DAS RESPONSABILIDADES...2 4 DA DESCRIÇÃO DE PROCEDIMENTOS...3 4.1

Leia mais

SISCOAF Sistema de Controle de Atividades Financeiras. Cadastro e Habilitação Declaração de Inocorrência

SISCOAF Sistema de Controle de Atividades Financeiras. Cadastro e Habilitação Declaração de Inocorrência SISCOAF Sistema de Controle de Atividades Financeiras Cadastro e Habilitação Declaração de Inocorrência Sumário ORIENTAÇÕES GERAIS... 3 O que são Pessoas Obrigadas... 4 O que é o SISCOAF... 4 Quem deve

Leia mais

Instruções de operação. Site de aplicativos

Instruções de operação. Site de aplicativos Instruções de operação Site de aplicativos CONTEÚDO Como ler este manual... 2 Símbolos usados nos manuais... 2 Isenção de responsabilidade... 3 Notas...3 O que você pode fazer no Site de aplicativos...

Leia mais

Carta de Apresentação - Convênios

Carta de Apresentação - Convênios Carta de Apresentação - Convênios Caro (a) empresário (a), O Sindicato dos Metalúrgicos de Pindamonhangaba-CUT tem uma ampla rede de convênios com mais de 100 empresas do comércio e serviços. Somos a maior

Leia mais

REGULAMENTO DA PROMOÇÃO Desconto na mensalidade de Vivo Fibra na assinatura de Vivo Fixo

REGULAMENTO DA PROMOÇÃO Desconto na mensalidade de Vivo Fibra na assinatura de Vivo Fixo REGULAMENTO DA PROMOÇÃO Desconto na mensalidade de Vivo Fibra na assinatura de Vivo Fixo Esta Promoção é realizada pela Vivo, nas seguintes condições: 1. DAS DEFINIÇÕES 1.1 Promoção: Desconto na mensalidade,

Leia mais

Regulamento da Promoção

Regulamento da Promoção Regulamento da Promoção Titulo da Promoção: Gramado seu melhor presente de natal A promoção é promovida pelo aplicativo, denominado, Gramado App, inscrita no CNPJ: 21.272.484/0001-06, sediada no endereço,

Leia mais

TORPEDO INFO Termos e Condições de Uso

TORPEDO INFO Termos e Condições de Uso TORPEDO INFO Termos e Condições de Uso O presente documento tem por objetivo estabelecer os direitos e obrigações das partes contratantes na utilização pelo usuário, do serviço "TORPEDO INFO" via celular

Leia mais

Anexo I, da Portaria nº 142/2014

Anexo I, da Portaria nº 142/2014 Anexo I, da Portaria nº 142/2014 MANUAL DE USO DO CADASTRO DE VEÍCULOS DE DIVULGAÇÃO DA SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA (Midiacad) Conteúdo OBJETIVO:... 2 USUÁRIOS DO MIDIACAD:...

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE QUITANDINHA

CÂMARA MUNICIPAL DE QUITANDINHA Prestação de Serviços de Publicação, do Processo de Dispensa de Licitação 002/2015. I DAS PARTES: A) CÂMARA MUNICIPAL DE QUITANDINHA, pessoa jurídica de direito público interno, inscrita no CNPJ/MF sob

Leia mais

Informativo de Versão 19.03

Informativo de Versão 19.03 Informativo de Versão 19.03 Índice ERP Faturamento e Cupom Fiscal - ECF... 2 Emissão de NF-e e Emissão de Cupom Fiscal (Chamado 25717)... 2 Movimento Entrada de Produtos (Chamado 25318)... 7 Emissão e

Leia mais

NORMATIVA Nº 001/2013 BIBLIOTECA IFTO - CAMPUS PARAÍSO DO TOCANTINS

NORMATIVA Nº 001/2013 BIBLIOTECA IFTO - CAMPUS PARAÍSO DO TOCANTINS NORMATIVA Nº 001/2013 BIBLIOTECA IFTO - Estabelece normas e orienta os serviços de empréstimo de equipamentos eletrônicos na Biblioteca do IFTO Campus Paraíso do Tocantins e dá outras providências. A Biblioteca

Leia mais

TERMOS DE USO E POLÍTICA DE PRIVACIDADE

TERMOS DE USO E POLÍTICA DE PRIVACIDADE TERMOS DE USO E POLÍTICA DE PRIVACIDADE SEJA BEM-VINDO à HUGOSOFT! Termo de Uso Recomendamos que antes de utilizar os serviços oferecidos pelo HUGOSOFT ME, leia atentamente os Termos de Uso a seguir para

Leia mais

TERMO DE CESSÃO AO CONTRATO DE COMERCIALIZAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA NO AMBIENTE REGULADO CCEAR Nº / - Produto / POR (QUANTIDADE ou DISPONIBILIDADE).

TERMO DE CESSÃO AO CONTRATO DE COMERCIALIZAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA NO AMBIENTE REGULADO CCEAR Nº / - Produto / POR (QUANTIDADE ou DISPONIBILIDADE). TERMO DE CESSÃO AO CONTRATO DE COMERCIALIZAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA NO AMBIENTE REGULADO Nº / - Produto / POR (QUANTIDADE ou DISPONIBILIDADE). Pelo presente instrumento contratual e na melhor forma de direito,

Leia mais

REGULAMENTO. Promoção de Janeiro 1. DESCRIÇÃO GERAL DA COMERCIALIZAÇÃO DA PROMOÇÃO

REGULAMENTO. Promoção de Janeiro 1. DESCRIÇÃO GERAL DA COMERCIALIZAÇÃO DA PROMOÇÃO REGULAMENTO Promoção de Janeiro Esta promoção é comercializada pela NEXTEL TELECOMUNICAÇÕES Ltda., prestadora do Serviço Móvel Pessoal SMP, doravante denominada simplesmente NEXTEL, situada na Avenida

Leia mais

PORTARIA 40/2015. Art. 3º - Ficam revogadas quaisquer portarias anteriores a este ato. Art. 4º Esta portaria entra em vigor No Ato de sua publicação.

PORTARIA 40/2015. Art. 3º - Ficam revogadas quaisquer portarias anteriores a este ato. Art. 4º Esta portaria entra em vigor No Ato de sua publicação. PORTARIA 40/2015 Dispõe sobre a campanha A FCE também é um pai para você - SP Para matrícula em cursos Lato-Sensu, para o período do mês de Agosto de 2015. Na qualidade de Diretor Presidente do Instituto

Leia mais

FIES. 1 - Dados cadastrais da mantenedora Dados da mantenedora: Mantenedora: FUNDACAO EDUCACIONAL MACHADO DE ASSIS

FIES. 1 - Dados cadastrais da mantenedora Dados da mantenedora: Mantenedora: FUNDACAO EDUCACIONAL MACHADO DE ASSIS Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Diretoria de Políticas e Programas de Graduação - Dipes Fundo de Financiamento Estudantil FIES Termo de Participação Proposta de Oferta

Leia mais

CONTRATO DE PARCERIA DE NEGÓCIOS MEMBROS ASSOCIADOS DE CURSOS EAD

CONTRATO DE PARCERIA DE NEGÓCIOS MEMBROS ASSOCIADOS DE CURSOS EAD MEMBROS ASSOCIADOS DE CURSOS EAD 2016 CONTRATO NÚMERO: Pelo presente instrumento particular, de um lado: PORTAL EAD BRASIL, pessoa jurídica de direito privado, com sede estabelecida à, devidamente inscrita

Leia mais

Processo n /11 ACORDO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA N. 2012/050.0

Processo n /11 ACORDO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA N. 2012/050.0 Processo n. 131.421/11 ACORDO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA N. 2012/050.0 ACORDO DE COOPERAÇÃO TÉCNICA CELEBRADO ENTRE A CÂMARA DOS DEPUTADOS E A CÂMARA MUNICIPAL DE RIO PARDO - RS, OBJETIVANDO A TRANSFERÊNCIA

Leia mais

O website e domínio Arquipelago Business, bem como seus subdomínios, funcionalidades,

O website e domínio Arquipelago Business, bem como seus subdomínios, funcionalidades, O website e domínio Arquipelago Business, bem como seus subdomínios, funcionalidades, conteúdo e demais aplicações e serviços (incluindo aplicações mobile) estão sujeitos aos termos e condições deste termo

Leia mais

PQ /04/

PQ /04/ PQ.06 03 02/04/2013 1-5 1. OBJETIVO Estabelecer sistematica para o processo de solicitação, análise crítica e preparação para a avaliação da conformidade. 2. DEFINIÇÕES Modelo de Avaliação da Conformidade:

Leia mais

ORGANISATION DES NATIONS UNIES POUR L ALIMENTATION ET L AGRICULTURE ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS PARA AGRICULTURA E ALIMENTAÇÃO

ORGANISATION DES NATIONS UNIES POUR L ALIMENTATION ET L AGRICULTURE ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS PARA AGRICULTURA E ALIMENTAÇÃO ET L - 1 - ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES AGRICULTURA E ALIMENTAÇÃO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS Nº XXX Entre a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação, no âmbito do Projeto UTF/BRA/XXX/BRA,

Leia mais

CONV NIO NÀ 001/2008-TJAP

CONV NIO NÀ 001/2008-TJAP CONV NIO NÀ 001/2008-TJAP CONV NIO QUE ENTRE SI CELEBRAM O TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO AMAP E A ASSOCIAÇ O CULTURAL NOSSA SENHORA MENINA COLÉGIO SANTA BARTOLOMEA CAPITANIO. Pelo presente instrumento

Leia mais

Política de Privacidade. A presente Política de Privacidade é aplicável ao presente a todos os sites e/ou aplicativos da Verga Corretora de Seguros.

Política de Privacidade. A presente Política de Privacidade é aplicável ao presente a todos os sites e/ou aplicativos da Verga Corretora de Seguros. Política de Privacidade Esta Política de Privacidade tem como objetivo informar você (doravante Usuário ), que acessa as páginas da Verga Corretora de Seguros na Internet, quais informações são coletadas,

Leia mais

DOCUMENTO DE REGRAS DE NEGÓCIO

DOCUMENTO DE REGRAS DE NEGÓCIO de Controle de Pedidos Versão 2.0 DOCUMENTO DE REGRAS DE NEGÓCIO Página 2 / 8 de Controle de pedidos HISTÓRICO DE REVISÕES Data Versão Descrição Autor 25/09/2010 1.0 Elaboração do Documento Bruno Mota

Leia mais

REGULAMENTO. Promoção Nextel 3G 800

REGULAMENTO. Promoção Nextel 3G 800 REGULAMENTO Promoção Nextel 3G 800 Esta promoção é comercializada pela NEXTEL TELECOMUNICAÇÕES Ltda., prestadora do Serviço Móvel Pessoal SMP, doravante denominada simplesmente NEXTEL, situada na Alameda

Leia mais

Instruções sobre o Contrato de Garantia de Compressão do IBM Storwize V7000 ESTA PÁGINA NÃO DEVERÁ SER FORNECIDA PARA O CLIENTE

Instruções sobre o Contrato de Garantia de Compressão do IBM Storwize V7000 ESTA PÁGINA NÃO DEVERÁ SER FORNECIDA PARA O CLIENTE Instruções sobre o Contrato de Garantia de Compressão do IBM Storwize V7000 ESTA PÁGINA NÃO DEVERÁ SER FORNECIDA PARA O CLIENTE Instruções para Implementação do Contrato: Estes são modelos de condições.

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DO PÉ QUENTE BRADESCO 1000 II

CONDIÇÕES GERAIS DO PÉ QUENTE BRADESCO 1000 II CONDIÇÕES GERAIS DO PÉ QUENTE BRADESCO 1000 II I INFORMAÇÕES INICIAIS SOCIEDADE DE CAPITALIZAÇÃO: BRADESCO CAPITALIZAÇÃO S/A. CNPJ: 33.010.851/0001-74 PÉ QUENTE BRADESCO 1000 II PLANO PU 24/001 B1 - MODALIDADE:

Leia mais

Contrato de Figuração Publicitaria e outras Tratativas Diversas

Contrato de Figuração Publicitaria e outras Tratativas Diversas Contrato de Figuração Publicitaria e outras Tratativas Diversas Contrato de publicidade que entre si firmam,, inscrita no CNPJ/CPF sob o n.º,com endereço á nº.,bairro Cidade Estado aqui representada por,

Leia mais

Termos de Uso e Política de Privacidade Grupo Safra Internet Banking

Termos de Uso e Política de Privacidade Grupo Safra Internet Banking Termos de Uso e Política de Privacidade Grupo Safra Internet Banking Os presentes Termos de Uso e Política de Privacidade (doravante Termos ) têm como objetivo regulamentar o acesso e a utilização dos

Leia mais

Para o exercício de sua atividade o Agente Autônomo de Investimentos deve:

Para o exercício de sua atividade o Agente Autônomo de Investimentos deve: Procedimento Data da última atualização Agente Autônomo de Investimento 02.09.2016 1. Objetivo: Este procedimento visa regular as atividades dos Agentes Autônomos de Investimento no ambiente da Guide Investimentos

Leia mais

Manual do Aplicativo do Termo de Opção pelo Domicílio Tributário Eletrônico (DTE) Versão vigente a partir de 08/07/2013

Manual do Aplicativo do Termo de Opção pelo Domicílio Tributário Eletrônico (DTE) Versão vigente a partir de 08/07/2013 Manual do Aplicativo do Termo de Opção pelo Domicílio Tributário Eletrônico (DTE) Versão vigente a partir de 08/07/2013 1) Como acessar o aplicativo de Opção pelo Domicílio Tributário Eletrônico (DTE)

Leia mais

2. INFORMAÇÕES PRÉVIAS

2. INFORMAÇÕES PRÉVIAS Termo de Atualização Cadastral e de Ratificação do Contrato de Prestação de Serviços Itaú Empresas na internet e Serviços Eletrônicos, entre outros Itaú Unibanco S.A., com sede na Praça Alfredo Egydio

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. Item Descrição Unid. BATERIA 12v 100 A/H RT 100 LE, para caminhão VOLKSWAGEM MODELO 13180, ano fabricação 2008.

TERMO DE REFERÊNCIA. Item Descrição Unid. BATERIA 12v 100 A/H RT 100 LE, para caminhão VOLKSWAGEM MODELO 13180, ano fabricação 2008. FUNDO NACION DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO TERMO DE REFERÊNCIA. OBJETO. Aquisição de BATERIA 2v, 00 a/h RT 00 LE, para uso em veículo oficial pesado, de acordo com os critérios estabelecidos neste Termo

Leia mais

MUNICÍPIO DE CUBA Câmara Municipal

MUNICÍPIO DE CUBA Câmara Municipal MUNICÍPIO DE CUBA Câmara Municipal CADERNO DE ENCARGOS Cessão da Exploração do Estabelecimento de Bebidas Bar das Piscinas Municipais Descobertas de Cuba I PARTE CLÁUSULAS GERAIS Artº. 1º Âmbito de aplicação

Leia mais

Política de Controles Internos

Política de Controles Internos Política de Controles Internos Introdução Esta política tem por objetivo estabelecer regras, procedimentos e descrição dos controles internos a serem observados para o fortalecimento e funcionamento dos

Leia mais

REGULAMENTO Campanha Pré-Compra do Galaxy S7 edge S7

REGULAMENTO Campanha Pré-Compra do Galaxy S7 edge S7 REGULAMENTO Campanha Pré-Compra do Galaxy S7 edge S7 1. Definições 1.1. Campanha : Iniciativa da Promotora sob a denominação Pré-Compra do Galaxy S7 edge S7 que visa promover os Smartphones Samsung Galaxy

Leia mais

Índice. Como efetuar uma operação de renovação da certificação? Como efetuar uma operação de confirmação de estimativas?

Índice. Como efetuar uma operação de renovação da certificação? Como efetuar uma operação de confirmação de estimativas? Índice Como efetuar uma operação de renovação da certificação? Como efetuar uma operação de confirmação de estimativas? Como efetuar uma operação de renovação da certificação? A operação de Renovação da

Leia mais

BitNota Eletrônica Gerenciador para Nota Fiscal Eletrônica 2.0 Manual Versão 1.0

BitNota Eletrônica Gerenciador para Nota Fiscal Eletrônica 2.0 Manual Versão 1.0 BitNota Eletrônica Gerenciador para Nota Fiscal Eletrônica 2.0 Manual Versão 1.0 Conteúdo 1. A Quem se Destina o BitNota Eletrônica 2. Requisitos Mínimos para o funcionamento do programa 3. Como Funciona

Leia mais

Cadastro de Clientes

Cadastro de Clientes Cadastro de Clientes Uma boa gestão começa na importância dada ao cadastro de clientes. O cadastro de clientes é uma ferramenta fundamental para melhorar as vendas da sua empresa e fidelizar seu cliente.

Leia mais

PLANO ALTERNATIVO LOCAL PLANO Nº 159

PLANO ALTERNATIVO LOCAL PLANO Nº 159 PLANO ALTERNATIVO LOCAL PLANO Nº 159 A. Empresa: Telemar Norte Leste S/A B. Nome do Plano: Plano Alternativo de Serviço Nº 159 C. Identificação para a Anatel: Plano Alternativo de Serviço Nº 159 D. Modalidade

Leia mais

REGULAMENTO DA OFERTA FLEX PROGRAMADO

REGULAMENTO DA OFERTA FLEX PROGRAMADO REGULAMENTO DA OFERTA FLEX PROGRAMADO Pelo presente instrumento a SKY BRASIL SERVIÇOS LTDA. ( SKY ), autorizatária do serviço de DTH por força do Ato nº 3.504 de 25 de junho de 2012, disponibiliza aos

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PARA APLICATIVO DE LOCALIZAÇÃO GEOGRÁFICA DE MOTOBOY PRÉ-PAGO

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PARA APLICATIVO DE LOCALIZAÇÃO GEOGRÁFICA DE MOTOBOY PRÉ-PAGO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PARA APLICATIVO DE LOCALIZAÇÃO GEOGRÁFICA DE MOTOBOY PRÉ-PAGO 1 Pelo presente instrumento particular, de um lado (Pessoa Física), brasileiro, (estado civil), portador

Leia mais

TERMOS DE USO DA APLICAÇÃO CLIENTE SARAIVA SARAIVA DIGITAL E SARAIVA DIGITAL LITE

TERMOS DE USO DA APLICAÇÃO CLIENTE SARAIVA SARAIVA DIGITAL E SARAIVA DIGITAL LITE TERMOS DE USO DA APLICAÇÃO CLIENTE SARAIVA SARAIVA DIGITAL E SARAIVA DIGITAL LITE A) APLICABILIDADE 1. Os presentes termos de uso são aplicáveis aos usuários dos produtos SARAIVA DIGITAL e/ou SARAIVA DIGITAL

Leia mais

REGULAMENTO DA GERÊNCIA DE SERVIÇOS DO IMA/UFRJ

REGULAMENTO DA GERÊNCIA DE SERVIÇOS DO IMA/UFRJ REGULAMENTO DA GERÊNCIA DE SERVIÇOS DO IMA/UFRJ O presente regulamento visa estabelecer normas, procedimentos de funcionamento e atividades atribuídas à Gerência de Serviços, conforme estabelecido no Capítulo

Leia mais

LUIS FERNANDO ZACARON

LUIS FERNANDO ZACARON Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Diretoria de Políticas e Programas de Graduação - Dipes Fundo de Financiamento Estudantil FIES Termo de Participação Proposta de Oferta

Leia mais

SOLICITAÇÃO DO CERTIFICADO DIGITAL

SOLICITAÇÃO DO CERTIFICADO DIGITAL SOLICITAÇÃO DO CERTIFICADO DIGITAL 1. Como é feita a entrega do Certificado Digital? Resposta: O certificado digital é entregue ao cliente após o procedimento de Validação Presencial, o qual consiste na

Leia mais

Quer se Cadastrar na Petrobras?

Quer se Cadastrar na Petrobras? MT-611-00009-10 Última Atualização 07/01/2015 Quer se Cadastrar na Petrobras? Como dar início ao processo de cadastramento na Petrobras: Para dar início ao processo de cadastramento na Petrobras, é necessário

Leia mais

Descrição do Requisito

Descrição do Requisito ANEXO III 1 REQUISITOS TÉCNICOS A SOLUÇÃO deverá atender obrigatoriamente aos requisitos não funcionais e às características técnicas descritos nos itens deste Anexo. Os requisitos não funcionais e técnicos

Leia mais

como atualizar seu IsatPhone

como atualizar seu IsatPhone como atualizar seu IsatPhone O referencial em comunicações móveis via satélite instalação da ferramenta de atualização do firmware Ocasionalmente, talvez seja necessário atualizar seu telefone para aprimorar

Leia mais

Submódulo 1.1 Adesão à CCEE. Módulo 2 Medição. Submódulo 2.1 Coleta e ajuste de dados de medição

Submódulo 1.1 Adesão à CCEE. Módulo 2 Medição. Submódulo 2.1 Coleta e ajuste de dados de medição Submódulo 1.1 Adesão à CCEE Módulo 2 Medição Submódulo 2.1 Coleta e ajuste de dados de medição 1 Submódulo 2.1 Coleta e ajuste ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO 2. OBJETIVO 3. PREMISSAS 4. LISTA DE DOCUMENTOS 5. FLUXO

Leia mais

ORIENTAÇÕES OPERACIONAIS RN 412/16 CANCELAMENTOS DE PLANOS DE SAÚDE

ORIENTAÇÕES OPERACIONAIS RN 412/16 CANCELAMENTOS DE PLANOS DE SAÚDE ORIENTAÇÕES OPERACIONAIS RN 412/16 CANCELAMENTOS DE PLANOS DE SAÚDE Foi publicada no Diário Oficial da União - DOU de 11/11/16 a RN 412/16 que dispõe sobre a solicitação de cancelamento do contrato do

Leia mais

REGULAMENTO DA PRIMEIRA EDIÇÃO DA PROMOÇÃO SÓ A HELBOR TEM OFFICES CONDOMÍNIO GRÁTIS

REGULAMENTO DA PRIMEIRA EDIÇÃO DA PROMOÇÃO SÓ A HELBOR TEM OFFICES CONDOMÍNIO GRÁTIS REGULAMENTO DA PRIMEIRA EDIÇÃO DA PROMOÇÃO SÓ A HELBOR TEM OFFICES CONDOMÍNIO GRÁTIS A primeira edição da PROMOÇÃO SÓ A HELBOR TEM OFFICES CONDOMÍNIO GRÁTIS, é realizada pelas sociedades Helbor Empreendimentos

Leia mais

REGULAMENTO DUX COWORKING E FREELANCER PARCERIA PARA A PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS São Paulo, 03 de dezembro de TÍTULO I GENERALIDADES

REGULAMENTO DUX COWORKING E FREELANCER PARCERIA PARA A PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS São Paulo, 03 de dezembro de TÍTULO I GENERALIDADES REGULAMENTO DUX COWORKING E FREELANCER PARCERIA PARA A PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS São Paulo, 03 de dezembro de 2012. TÍTULO I GENERALIDADES CONSIDERANDO a intenção de atender, com excelência, as demandas do

Leia mais

ANEXO I - REGULAMENTO PROGRAMA DE FIDELIDADE CARTÃO PERNAMBUCANAS MASTERCARD GOLD

ANEXO I - REGULAMENTO PROGRAMA DE FIDELIDADE CARTÃO PERNAMBUCANAS MASTERCARD GOLD ANEXO I - REGULAMENTO PROGRAMA DE FIDELIDADE CARTÃO PERNAMBUCANAS MASTERCARD GOLD 1. DISPOSIÇÕES GERAIS 1.1. Este instrumento é parte integrante do Contrato de Prestação de Serviços de Emissão e Administração

Leia mais

SISTEMA AUTOMÁTICO DE BILHETAGEM ELETRÔNICA PROCEDIMENTOS VTWEB CLIENT PROCEDIMENTOS

SISTEMA AUTOMÁTICO DE BILHETAGEM ELETRÔNICA PROCEDIMENTOS VTWEB CLIENT PROCEDIMENTOS SISTEMA AUTOMÁTICO DE BILHETAGEM ELETRÔNICA PROCEDIMENTOS VTWEB CLIENT PROCEDIMENTOS Origem: ProUrbano Data de Criação: 22/03/2010 Ultima alteração: Versão: 1.3 Tipo de documento: PRO-V1. 0 Autor: Adriano

Leia mais

CADERNO DE ENCARGOS. PARTE I Cláusulas jurídicas

CADERNO DE ENCARGOS. PARTE I Cláusulas jurídicas CADERNO DE ENCARGOS PARTE I Cláusulas jurídicas Artigo 1º Âmbito da Aplicação O presente caderno de encargos define as condições do procedimento de AJUSTE DIRETO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS Participação

Leia mais

REGULAMENTO DA TERCEIRA EDIÇÃO DA PROMOÇÃO SÓ A HELBOR TEM CONDOMÍNIO GRÁTIS

REGULAMENTO DA TERCEIRA EDIÇÃO DA PROMOÇÃO SÓ A HELBOR TEM CONDOMÍNIO GRÁTIS REGULAMENTO DA TERCEIRA EDIÇÃO DA PROMOÇÃO SÓ A HELBOR TEM CONDOMÍNIO GRÁTIS A terceira edição da PROMOÇÃO SÓ A HELBOR TEM CONDOMÍNIO GRÁTIS, é realizada pelas sociedades Helbor Empreendimentos S.A., CNPJ

Leia mais

FIES. 1 - Dados cadastrais da mantenedora Dados da mantenedora: Mantenedora: INSTITUTO LEAO SAMPAIO DE ENSINO UNIVERSITARIO LTDA

FIES. 1 - Dados cadastrais da mantenedora Dados da mantenedora: Mantenedora: INSTITUTO LEAO SAMPAIO DE ENSINO UNIVERSITARIO LTDA Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Diretoria de Políticas e Programas de Graduação - Dipes Fundo de Financiamento Estudantil FIES Termo de Participação Proposta de Oferta

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES DE USO

TERMOS E CONDIÇÕES DE USO TERMOS E CONDIÇÕES DE USO Antes de efetuar a contratação de nossos serviços, os interessados no serviço Portal Vivo Mulher deverão ler atentamente estes Termos e Condições se Uso ( Condições de Uso ).

Leia mais

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR - MDIC INSTITUTO NACIONAL DE METROLOGIA, NORMALIZAÇÃO E QUALIDADE INDUSTRIAL-INMETRO

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR - MDIC INSTITUTO NACIONAL DE METROLOGIA, NORMALIZAÇÃO E QUALIDADE INDUSTRIAL-INMETRO MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR - MDIC INSTITUTO NACIONAL DE METROLOGIA, NORMALIZAÇÃO E QUALIDADE INDUSTRIAL-INMETRO Portaria n.º 56, de 18 de fevereiro de 2004. O PRESIDENTE

Leia mais

CONTRATO Nº 135/2012

CONTRATO Nº 135/2012 CONTRATO Nº 135/2012 CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA FORNECIMENTO DE VALE REFEIÇÃO ATRAVÉS DE TICKET IMPRESSO. Pelo presente instrumento particular, o MUNICÍPIO DE CANDELÁRIA, Pessoa Jurídica de Direito Público,

Leia mais

SUMÁRIO EXECUTIVO Resumo do Regulamento da Utilização do Cartão Passagem Bradesco ( CPB ), pessoa jurídica nas Bandeiras Visa e MasterCard

SUMÁRIO EXECUTIVO Resumo do Regulamento da Utilização do Cartão Passagem Bradesco ( CPB ), pessoa jurídica nas Bandeiras Visa e MasterCard SUMÁRIO EXECUTIVO Resumo do Regulamento da Utilização do Cartão Passagem Bradesco ( CPB ), pessoa jurídica nas Bandeiras Visa e MasterCard SUMÁRIO EXECUTIVO Resumo do Regulamento da Utilização do Cartão

Leia mais

ESTADO DO MARANHÃO PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO FRANCISCO DO BREJÃO CNPJ: 01.616.680/0001-35 SETOR DE CONTRATOS ADMINISTRATIVOS

ESTADO DO MARANHÃO PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO FRANCISCO DO BREJÃO CNPJ: 01.616.680/0001-35 SETOR DE CONTRATOS ADMINISTRATIVOS PREGÃO PRESENCIAL N. 015/2016 CONTRA TO DE FORNECIMENTO DE PRODUTOS SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO E FINANÇAS Contrato N. 019.2016, que entre si celebram o Município de São Francisco do Brejão -

Leia mais

R E S O L U Ç Ã O Nº 108/2000-CAD/UNICENTRO

R E S O L U Ç Ã O Nº 108/2000-CAD/UNICENTRO R E S O L U Ç Ã O Nº 108/2000-CAD/UNICENTRO Celebra Termo de Convênio de Cooperação Técnica, Administrativa, Científica, Educacional, Social, Esportiva e Cultural, firmado entre a UNICENTRO e o SINTESU,

Leia mais

Manual do Token Modelos: Prata ou Preto Julho / 2016

Manual do Token Modelos: Prata ou Preto Julho / 2016 Manual do Token Modelos: Prata ou Preto Julho / 2016 APRESENTAÇÃO Este documento foi criado pela Coordenação de Apoio ao Usuário com o objetivo de auxiliar os magistrados e servidores do Tribunal Regional

Leia mais

REGULAMENTO DA MARATONA CINEMARK / HARRY POTTER

REGULAMENTO DA MARATONA CINEMARK / HARRY POTTER REGULAMENTO DA MARATONA CINEMARK / HARRY POTTER Regulamenta a participação aos clientes da Cinemark na maratona de exibição de filmes - Harry Potter. 1. CONDIÇÕES GERAIS A maratona Harry Potter consiste

Leia mais

PU36 Plus SITE NA INTERNET : CONDIÇÕES GERAIS GLOSSÁRIO

PU36 Plus SITE NA INTERNET :  CONDIÇÕES GERAIS GLOSSÁRIO PU36 Plus SITE NA INTERNET : www.brasilcap.com CONDIÇÕES GERAIS GLOSSÁRIO Subscritor é a pessoa que subscreve a proposta de aquisição do Título, assumindo o compromisso de efetuar o pagamento na forma

Leia mais

CONTRATO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE DESENVOLVIMENTO E MANUTENÇÃO DE WEBSITE

CONTRATO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE DESENVOLVIMENTO E MANUTENÇÃO DE WEBSITE 1 CONTRATO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE DESENVOLVIMENTO E MANUTENÇÃO DE WEBSITE Sobre o serviço, Desenvolvimento e hospedagem de Site A agência Brachynus oferece o serviço, Desenvolvimento e hospedagem

Leia mais

Emissão de Recibos. Copyright ControleNaNet

Emissão de Recibos. Copyright ControleNaNet Este manual é parte integrante do Software On-line Recibos Concebido pela equipe técnica de ControleNaNet. http://www.controlenanet.com.br Todos os direitos reservados. Copyright 2016 - ControleNaNet Conteúdo

Leia mais

2ª CHAMADA AO I EDITAL DE CREDENCIAMENTO DE CONSULTORES CERNE 2 12 a 18 de janeiro de 2016

2ª CHAMADA AO I EDITAL DE CREDENCIAMENTO DE CONSULTORES CERNE 2 12 a 18 de janeiro de 2016 2ª CHAMADA AO I EDITAL DE CREDENCIAMENTO DE CONSULTORES CERNE 2 12 a 18 de janeiro de 2016 1. APRESENTAÇÃO A Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (ANPROTEC), com sede

Leia mais

CONTRATO DE FRANQUIA IDENTIFICAÇÃO DAS PARTES CONTRATANTES

CONTRATO DE FRANQUIA IDENTIFICAÇÃO DAS PARTES CONTRATANTES CONTRATO DE FRANQUIA IDENTIFICAÇÃO DAS PARTES CONTRATANTES FRANQUEADORA: HC Pereira Website Ltda ME WebSantaCatarina (WebSC), com sede na Rua 716, n.º 421, bairro Várzea, cidade Itapema, CEP: 88220-000,

Leia mais

TERMO DE CONVÊNIO INSTITUCIONAL

TERMO DE CONVÊNIO INSTITUCIONAL TERMO DE CONVÊNIO INSTITUCIONAL Tendo em vista desenvolver esforços conjuntos nos domínios da cooperação e intercâmbio técnico e cultural, o CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DOS CAMPOS GERAIS CESCAGE, pessoa

Leia mais

Sistema COPAL Controle da Pesquisa Paleontológica

Sistema COPAL Controle da Pesquisa Paleontológica DEPARTAMENTO NACIONAL DE PRODUÇÃO MINERAL DIRETORIA DE FISCALIZAÇÃO - DIFIS Sistema COPAL Controle da Pesquisa Paleontológica Manual do Usuário Brasília, Julho de 2015. COPAL Controle da Pesquisa Paleontológica

Leia mais

REGULAMENTO DA QUARTA EDIÇÃO DA PROMOÇÃO SÓ A HELBOR TEM CONDOMÍNIO GRÁTIS

REGULAMENTO DA QUARTA EDIÇÃO DA PROMOÇÃO SÓ A HELBOR TEM CONDOMÍNIO GRÁTIS REGULAMENTO DA QUARTA EDIÇÃO DA PROMOÇÃO SÓ A HELBOR TEM CONDOMÍNIO GRÁTIS A quarta edição da PROMOÇÃO SÓ A HELBOR TEM CONDOMÍNIO GRÁTIS, é realizada pelas sociedades Hesa 43 Investimentos Imobiliários

Leia mais

Prestação de serviço de manutenção e reparo em equipamentos de rede Roteadores.

Prestação de serviço de manutenção e reparo em equipamentos de rede Roteadores. TERMO DE REFERÊNCIA DADOS CADASTRAIS 1-IDENTIFICAÇÃO SOLICITANTE 1.1 Diretoria DR 1.2 Unidade SOR-PB 1.3 Endereço completo da unidade solicitante: AV. Presidente Carlos Luz, 1275 1.5 - Cidade: 1.6 - UF:

Leia mais

REGULAMENTO DESAFIO FB FACULDADE BARRETOS

REGULAMENTO DESAFIO FB FACULDADE BARRETOS REGULAMENTO DESAFIO FB FACULDADE BARRETOS CENTRO UNIFICADO DE EDUCAÇÃO BARRETOS LTDA, mantenedora da FACULDADE BARRETOS, neste ato representado pelo seu Diretor Geral, através do presente regulamento,

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 8, DE 10 DE DEZEMBRO DE 2015

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 8, DE 10 DE DEZEMBRO DE 2015 INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 8, DE 10 DE DEZEMBRO DE 2015 Estabelece os critérios de concessão de acesso ao Sistema de Gestão de Convênios e Contratos de Repasse (SICONV) e revoga a Instrução Normativa nº 11,

Leia mais