PEEC PROGRAMA DE ESTÁGIOS EXTRA CURRICULAR

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PEEC PROGRAMA DE ESTÁGIOS EXTRA CURRICULAR"

Transcrição

1 1 PEEC PROGRAMA DE ESTÁGIOS EXTRA CURRICULAR 4º EDIÇÃO 2011/2012

2 2 PEEC PROGRAMA DE ESTÁGIOS EXTRA CURRICULAR O Programa de Estágios Extra curricular (PEEC) é um programa de estágios extra curricular para estudantes a frequentar as Licenciaturas (2º e 3º ano) e os Mestrados Integrados (3º e 4º ano) e Mestrados (1º ano) da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto (FCUP). Estes estágios não remunerados podem decorrer em empresas, unidades de investigação, departamentos da FCUP e em projetos de investigação individuais, com a duração mínima de 3 meses e máxima de 12 meses. PEEC O PEEC é da responsabilidade do Gabinete de Relações com o Exterior e Educação Contínua área de Apoio à Integração Profissional e pretende que os estudantes da FCUP atinjam um nível de formação que lhes permita desempenhar, com sucesso e responsabilidade, tarefas de carácter profissional, e assim avaliar os seus conhecimentos em ambiente real de trabalho. 1. OBJECTIVOS O PEEC visa a possibilidade de uma relação direta com unidades de investigação, projetos de investigação individuais e empresas, através do desenvolvimento de projetos conjuntos de formação em local de trabalho, ainda durante o período de estudo dos estudantes. Através deste Programa, os estudantes serão colocados em estágios conjugando a carga horária do estágio com o seu plano curricular. 2. DESTINATÁRIOS Estudantes que frequentem as licenciaturas (2º e 3º ano), os Mestrados Integrados (3º e 4º ano) e Mestrados (1º ano) da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto.

3 3 ESTÁGIOS 1. CARACTERÍSTICAS DO ESTÁGIO Os estágios terão a duração mínima de 3 meses e máxima de 12 meses (a 4º edição inicia em dezembro de 2011). O PEEC tem como função integrar o estagiário numa instituição, desenvolvendo tarefas específicas de acordo com um plano de estágio previamente elaborado de acordo com a área de formação do estagiário. Estes estágios decorrerão sob a supervisão orientador que, no final do mesmo, preencherá uma ficha de avaliação, de acordo com impresso próprio a fornecer pelo Gabinete de Relações com o Exterior e Educação Contínua área de Apoio à Integração Profissional. O estagiário deverá redigir um relatório sobre o estágio desenvolvido, de acordo com uma estrutura a fornecer pela Gabinete de Relações com o Exterior e Educação Contínua área de Apoio à Integração Profissional ou pelo orientador devendo o mesmo ser entregue no final do estágio ao orientador, que o remeterá ao Gabinete de Relações com o Exterior e Educação Contínua, depois de visado, juntando lhe a ficha de avaliação atrás referida. CARGA HORÁRIA: A carga horária do estágio será no mínimo de 6 horas semanais, acordada entre o orientador e o estagiário. 2. CRITÉRIOS DE SERIAÇÃO A Estudantes de Licenciatura e Mestrado Integrado: 1. Melhor classificação das disciplinas até à data de entrega da candidatura; 2. Resultado de entrevista com o responsável do estágio. Critério de desempate: o critério utilizado é a data de registo de candidatura, dando prioridade a mais antiga. B Estudantes de mestrado (1º ano): 1. Melhor média de licenciatura; 2. Resultado de entrevista com o responsável do estágio. Critério de desempate: o critério utilizado é a data de registo de candidatura, dando prioridade a mais antiga.

4 4 Caberá ao Gabinete de Relações com o Exterior e Educação Contínua área de Apoio à Integração Profissional gerir a carteira de ofertas e pedidos dos estágios ao abrigo do PEEC. Da sua decisão não haverá recurso. 3. CERTIFICAÇÃO Aos estagiários será atribuído um Certificado de Estágio, emitido conjuntamente pela FCUP e responsável pelo estágio, documento esse que será entregue ao estagiário no final do estágio. CANDIDATURAS Os estudantes colocados na 1ª fase não poderão concorrer a 2ª fase. A 2ª fase do PEEC destina se aos estudantes não colocados na 1ª fase. 1. ESTUDANTES COMO EFETUAR A CANDIDATURA Os estudantes interessados na realização de um estágio devem efectuar a sua candidatura online no PEEC (site da Bolsa de Emprego online da FCUP), de 9 a 20 de novembro de 2011 Os estudantes inscritos no 1º ano de mestrado devem anexar o seguinte documento: Certidão de licenciatura (anexar à candidatura online). O estudante pode candidatar se no máximo a 3 ofertas de estágio diferentes por ordem de prioridades. 2. INSTITUIÇÕES As instituições e/ou responsáveis por projetos de investigação devem efetuar a sua candidatura até 24 de outubro de 2011 (preenchendo a ficha de candidatura) e enviar para EM CASO DE DESISTÊNCIA: Os estudantes devem informar via e mail ao Gabinete de Relações com o Exterior e Educação Contínua área de Apoio à Integração Profissional e ao orientador como desistem do estágio (indicando o nome completo, o estágio e o motivo).

5 5 2. APÓS A SERIAÇÃO DOS CANDIDATOS Formalizar o PEEC através da assinatura do protocolo de colaboração entre FCUP, a instituição responsável pelo estágio e o estudante. RELATÓRIO E FICHA DE AVALIAÇÃO O relatório (apenas indicamos tópicos. O orientador poderá definir uma estrutura para elaboração do relatório) deverá ser enviado para o Gabinete de Relações com o Exterior e Educação Contínua área de Apoio à Integração Profissional juntamente com a respectiva ficha de avaliação do estágio, a preencher pelo orientador, impreterivelmente, até dez dias úteis após a data de conclusão do estágio. PRAZOS 1ª Fase PEEC PRAZO PARA ESTUDANTES: Candidaturas: 9 a 20 de novembro de 2011 (site da Bolsa de Emprego online da FCUP). Colocações: 2 de dezembro 2011 (site da Bolsa de Emprego online da FCUP). Assinaturas de protocolos: os estudantes serão contactados via e mail. PRAZO INSTITUIÇÕES Propostas de estágios: até 24 de outubro de ª Fase PEEC PRAZO PARA ESTUDANTES: Candidaturas: 9 a 15 de janeiro de 2012 (site da Bolsa de Emprego online da FCUP). Colocações: 27 de janeiro 2012 (site da Bolsa de Emprego online da FCUP). Assinaturas de protocolos: os estudantes serão contactados via e mail. PRAZO INSTITUIÇÕES Propostas de estágios: até 23 de dezembro de 2011

6 6 CONTACTOS Faculdade de Ciências da Universidade do Porto Gabinete de Relações com o Exterior e Educação Contínua (Gab. 0.6) Apoio à Integração Profissional Rua do Campo Alegre, s/n Porto Tel.:

PEEC PROGRAMA DE ESTÁGIOS EXTRA CURRICULAR

PEEC PROGRAMA DE ESTÁGIOS EXTRA CURRICULAR 1 PEEC PROGRAMA DE ESTÁGIOS EXTRA CURRICULAR 5º EDIÇÃO 2012/2013 2 PEEC PROGRAMA DE ESTÁGIOS EXTRA CURRICULAR DA FCUP O Programa de Estágios Extra Curricular (PEEC) é um programa de estágios para estudantes

Leia mais

Programa de Estágios Extra-Curricular (PEEC)

Programa de Estágios Extra-Curricular (PEEC) Programa de Estágios Extra-Curricular (PEEC) Faculdade de Ciências da U.Porto Ano 2016/2017 Regulamento 2 O QUE É O PROGRAMA PEEC DA FCUP? O Programa de Estágios Extra-Curricular (PEEC) é um programa de

Leia mais

Regulamento Maria de Sousa Summer Research Program 2017

Regulamento Maria de Sousa Summer Research Program 2017 Regulamento Maria de Sousa Summer Research Program 2017 Artigo 1º Objetivos do programa, montante e designação das bolsas 1. O programa Maria de Sousa Research Program pretende dar a oportunidade a estudantes

Leia mais

ESTÁGIO EXTRA-CURRICULAR REGULAMENTO

ESTÁGIO EXTRA-CURRICULAR REGULAMENTO 2011/2012 APEF Associação Portuguesa de Estudantes de Farmácia João Tiago C. Azevedo M. Teixeira DESP Departamento de Estágios e Saídas Profissionais ESTÁGIO EXTRA-CURRICULAR REGULAMENTO Destinatários

Leia mais

NOTA INTRODUTÓRIA OBJETIVOS

NOTA INTRODUTÓRIA OBJETIVOS NOTA INTRODUTÓRIA O Departamento Educativo (DE) da Associação dos Estudantes da Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa (AEFFUL) cria uma nova atividade - I Programa de Mentores AEFFUL com o intuito

Leia mais

REGULAMENTO DA UNIVERSIDADE LUSÍADA NORTE (PORTO)PARA ATRIBUIÇÃO DA BOLSA LUSÍADA PORTO DE CONHECIMENTO

REGULAMENTO DA UNIVERSIDADE LUSÍADA NORTE (PORTO)PARA ATRIBUIÇÃO DA BOLSA LUSÍADA PORTO DE CONHECIMENTO REGULAMENTO DA UNIVERSIDADE LUSÍADA NORTE (PORTO)PARA ATRIBUIÇÃO DA BOLSA LUSÍADA PORTO DE CONHECIMENTO Artigo 1.º Objecto O presente Regulamento prevê as regras para o concurso, apreciação e atribuição

Leia mais

CANDIDATURA AO PROGRAMA PROJOVEM MEDIDA ESTÁGIO GARANTIA (Portaria nº 136/2014 de 6 de agosto)

CANDIDATURA AO PROGRAMA PROJOVEM MEDIDA ESTÁGIO GARANTIA (Portaria nº 136/2014 de 6 de agosto) CANDIDATURA AO PROGRAMA PROJOVEM MEDIDA ESTÁGIO GARANTIA (Portaria nº 136/2014 de 6 de agosto) Processo nº: 201_/PROJ/ O formulário deve estar totalmente preenchido e com todos os documentos em anexo.

Leia mais

GOVERNO REGIONAL SECRETARIA REGIONAL DA INCLUSÃO E ASSUNTOS SOCIAIS INSTITUTO DE EMPREGO DA MADEIRA, IP-RAM

GOVERNO REGIONAL SECRETARIA REGIONAL DA INCLUSÃO E ASSUNTOS SOCIAIS INSTITUTO DE EMPREGO DA MADEIRA, IP-RAM GOVERNO REGIONAL SECRETARIA REGIONAL DA INCLUSÃO E ASSUNTOS SOCIAIS INSTITUTO DE EMPREGO DA MADEIRA, IP-RAM CANDIDATURA AO PROGRAMA PROJOVEM MEDIDA ESTÁGIO GARANTIA (Portaria nº 136/2014 de 6 de agosto)

Leia mais

REGRAS DE FUNCIONAMENTO DO PROJETO/ESTÁGIO DA LICENCIATURA EM ENGENHARIA ELETROTÉCNICA E DE COMPUTADORES

REGRAS DE FUNCIONAMENTO DO PROJETO/ESTÁGIO DA LICENCIATURA EM ENGENHARIA ELETROTÉCNICA E DE COMPUTADORES REGRAS DE FUNCIONAMENTO DO PROJETO/ESTÁGIO DA LICENCIATURA EM ENGENHARIA ELETROTÉCNICA E DE COMPUTADORES PREÂMBULO A unidade curricular de Projeto/Estágio, do 3º ano da Licenciatura em Engenharia Eletrotécnica

Leia mais

Regulamento de Estágios Curso de Ciências da Comunicação Escola Superior de Educação da Universidade do Algarve. Art.º 1.º Âmbito

Regulamento de Estágios Curso de Ciências da Comunicação Escola Superior de Educação da Universidade do Algarve. Art.º 1.º Âmbito Regulamento de stágios Curso de Ciências da Comunicação scola Superior de ducação da Universidade do Algarve Art.º 1.º Âmbito O disposto no presente regulamento aplica-se à realização dos estágios curriculares

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE VILA FRANCA DE XIRA REGULAMENTO PROGRAMA DE ATRIBUIÇÃO DE ESTÁGIOS PARA O ENSINO SECUNDÁRIO E SUPERIOR PREÂMBULO

CÂMARA MUNICIPAL DE VILA FRANCA DE XIRA REGULAMENTO PROGRAMA DE ATRIBUIÇÃO DE ESTÁGIOS PARA O ENSINO SECUNDÁRIO E SUPERIOR PREÂMBULO REGULAMENTO PROGRAMA DE ATRIBUIÇÃO DE ESTÁGIOS PARA O ENSINO SECUNDÁRIO E SUPERIOR PREÂMBULO A Educação não se extingue na escola, nem com a escolaridade obrigatória. A Educação adquire-se ao longo da

Leia mais

Regulamento de Estágios para o Primeiro e Segundo Ciclo Cursos de Ciência Política e Relações Internacionais 2008 / 2009

Regulamento de Estágios para o Primeiro e Segundo Ciclo Cursos de Ciência Política e Relações Internacionais 2008 / 2009 Regulamento de Estágios para o Primeiro e Segundo Ciclo Cursos de Ciência Política e Relações Internacionais 2008 / 2009 Âmbito O presente Regulamento de Estágios é válido para os alunos dos Cursos de

Leia mais

E R A S M U S + Guia do Estudante ERASMUS+ Faculdade de Farmácia Universidade de Lisboa. Guia do Estudante

E R A S M U S + Guia do Estudante ERASMUS+ Faculdade de Farmácia Universidade de Lisboa. Guia do Estudante ERASMUS+ Faculdade de Farmácia Universidade de Lisboa Guia do Estudante Mobilidade de Estudantes Nacionais Normas Gerais A mobilidade de estudantes inclui duas vertentes de atividade: realização de estudos

Leia mais

MOBILIDADE DE ESTUDANTES PARA REALIZAÇÃO DE ESTÁGIO PROFISSIONAL ERASMUS ERASMUS PLACEMENT (SMP) INFORMAÇÕES GERAIS

MOBILIDADE DE ESTUDANTES PARA REALIZAÇÃO DE ESTÁGIO PROFISSIONAL ERASMUS ERASMUS PLACEMENT (SMP) INFORMAÇÕES GERAIS MOBILIDADE DE ESTUDANTES PARA REALIZAÇÃO DE ESTÁGIO PROFISSIONAL ERASMUS ERASMUS PLACEMENT (SMP) Estágios Profissionais Erasmus INFORMAÇÕES GERAIS O Erasmus dá a possibilidade aos estudantes do ensino

Leia mais

Estágio Clínico do 6º Ano, 2017/2018. I. Caracterização Geral

Estágio Clínico do 6º Ano, 2017/2018. I. Caracterização Geral Estágio Clínico do 6º Ano, 2017/2018 I. Caracterização Geral 1. O Estágio Clínico do 6º Ano tem a duração de 36 semanas e decorre em Hospitais e Centros de Saúde associados ao ensino clínico, nas seguintes

Leia mais

a) O exercício de tarefas, funções ou atividades em que o Estudante detenha experiência prévia na

a) O exercício de tarefas, funções ou atividades em que o Estudante detenha experiência prévia na REGULAMENTO DOS ESTÁGIOS CURRICULARES NO ÂMBITO DO MESTRADO EM CONTABILIDADE E FINANÇAS (EM VIGOR A PARTIR DO ANO LETIVO 2012/2013) Capítulo I DISPOSIÇÕES GERAIS Artigo 1.º Objeto 1. Este regulamento aplica-se,

Leia mais

Sessão de esclarecimento

Sessão de esclarecimento Candidatura a mobilidade no âmbito do Programa Erasmus+ Sessão de esclarecimento 24-02-2016 17:00h sala B2.03 SEPRE-RI Serviço de Estudos, Planeamento e Relações Externas - Relações Internacionais ESAC

Leia mais

DE APOIO À CANDIDATURA AO CURSO DE LICENCIATURA EM ENFERMAGEM

DE APOIO À CANDIDATURA AO CURSO DE LICENCIATURA EM ENFERMAGEM DE APOIO À CANDIDATURA AO CURSO DE LICENCIATURA EM ENFERMAGEM 2 CANDIDATURA AO CURSO DE LICENCIATURA EM ENFERMAGEM ANO LECTIVO 2016/2017 Número de vagas: Ingresso 30 Transferência 1 01 Mudança de Curso

Leia mais

Estágio Clínico do 6º Ano, 2016/2017. I. Caracterização Geral

Estágio Clínico do 6º Ano, 2016/2017. I. Caracterização Geral Estágio Clínico do 6º Ano, 2016/2017 I. Caracterização Geral 1. O Estágio Clínico do 6º Ano tem a duração de 36 semanas e decorre em Hospitais e Centros de Saúde associados ao ensino clínico, nas seguintes

Leia mais

Instituto Politécnico da Guarda Escola Superior de Turismo e Hotelaria. Regulamento de Estágios CURSO DE GESTÃO HOTELEIRA REGULAMENTO

Instituto Politécnico da Guarda Escola Superior de Turismo e Hotelaria. Regulamento de Estágios CURSO DE GESTÃO HOTELEIRA REGULAMENTO Instituto Politécnico da Guarda Escola Superior de Turismo e Hotelaria Regulamento de Estágios CURSO DE GESTÃO HOTELEIRA REGULAMENTO OBJECTIVOS DO ESTÁGIO CURRICULAR Os Estágios do Plano Curricular da

Leia mais

EDITAL. Concurso de Acesso e Ingresso no Curso de Pós-Graduação em Enfermagem do Trabalho

EDITAL. Concurso de Acesso e Ingresso no Curso de Pós-Graduação em Enfermagem do Trabalho EDITAL Concurso de Acesso e Ingresso no Curso de Pós-Graduação em Enfermagem do Trabalho A Universidade dos Açores faz saber que está aberto concurso de acesso à Pós-Graduação em Enfermagem do Trabalho,

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO / PROJECTO CURRICULAR

REGULAMENTO DE ESTÁGIO / PROJECTO CURRICULAR REGULAMENTO DE ESTÁGIO / PROJECTO CURRICULAR 1. OBJECTO 1.1. O presente regulamento estabelece os princípios orientadores e os procedimentos relativos ao estágio/projecto para a obtenção do grau de licenciado

Leia mais

Programa de Mobilidade Nacional. Almeida Garrett. Princípios Orientadores

Programa de Mobilidade Nacional. Almeida Garrett. Princípios Orientadores Programa de Mobilidade Nacional Almeida Garrett Princípios Orientadores 2011/2012 1. Enquadramento O Programa Almeida Garrett, adiante designado por Programa AG, é o programa de mobilidade nacional de

Leia mais

Instituto Superior de Ciências Educativas

Instituto Superior de Ciências Educativas Instituto Superior de Ciências Educativas Curso de Pós-Graduação/ Formação Especializada em ORGANIZAÇÃO E GESTÃO DE EVENTOS DE NEGÓCIOS, DESPORTIVOS E DE ANIMAÇÃO TURÍSTICA 2017 / 2018 O curso exposto

Leia mais

REGULAMENTO PROGRAMAS DE MOBILIDADE ESTUDANTES OUTGOING DA UNIVERSIDADE DE COIMBRA. Preâmbulo

REGULAMENTO PROGRAMAS DE MOBILIDADE ESTUDANTES OUTGOING DA UNIVERSIDADE DE COIMBRA. Preâmbulo REGULAMENTO PROGRAMAS DE MOBILIDADE ESTUDANTES OUTGOING DA UNIVERSIDADE DE COIMBRA Preâmbulo A Universidade de Coimbra tem ao dispor dos seus estudantes diversos programas de mobilidade que lhes proporcionam

Leia mais

Regulamento do Programa de Mentoring

Regulamento do Programa de Mentoring Regulamento do Programa de Mentoring Pelouro dos Estágios e Saídas Profissionais do NEF/AAC 2017/2018 Capítulo I Disposições Gerais e Organização Artigo 1º Introdução O Núcleo de Estudantes de Farmácia

Leia mais

NORMAS. Etapa de Preparação Pedagógica (EPP) Etapa de Estágio Supervisionado em Docência (EESD)

NORMAS. Etapa de Preparação Pedagógica (EPP) Etapa de Estágio Supervisionado em Docência (EESD) Edital FDRP - PAE 48/2016 A Comissão Coordenadora do PAE (CCPAE) e a Comissão de Pós-Graduação da FDRP/USP tornam pública a abertura de inscrições para a Etapa de Estágio Supervisionado em Docência (EESD)

Leia mais

MUNICÍPIO DE VALPAÇOS REGULAMENTO MUNICIPAL DE ATRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE ESTUDO. Preâmbulo

MUNICÍPIO DE VALPAÇOS REGULAMENTO MUNICIPAL DE ATRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE ESTUDO. Preâmbulo MUNICÍPIO DE VALPAÇOS REGULAMENTO MUNICIPAL DE ATRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE ESTUDO Preâmbulo Nos termos do artigo 235º nº2 da Constituição da República Portuguesa, as Autarquias são pessoas colectivas territoriais

Leia mais

DE APOIO À CANDIDATURA AO CURSO DE LICENCIATURA EM ENFERMAGEM

DE APOIO À CANDIDATURA AO CURSO DE LICENCIATURA EM ENFERMAGEM DE APOIO À CANDIDATURA AO CURSO DE LICENCIATURA EM ENFERMAGEM CANDIDATURA AO CURSO DE LICENCIATURA EM ENFERMAGEM ANO LECTIVO 2016/2017 Número de vagas: Ingresso 30 Transferência 1 01 Mudança de Curso 1

Leia mais

Regulamento de Mobilidade Internacional de Estudantes do Instituto de Estudos Políticos. I. Disposições Gerais. Artigo 1º.

Regulamento de Mobilidade Internacional de Estudantes do Instituto de Estudos Políticos. I. Disposições Gerais. Artigo 1º. Regulamento de Mobilidade Internacional de Estudantes do Instituto de Estudos Políticos I. Disposições Gerais Artigo 1º (Objecto) 1. O presente Regulamento rege a mobilidade internacional de estudantes

Leia mais

Bolsas asppa+ Regulamento para o ano de Este regulamento está sujeito a alterações anuais

Bolsas asppa+ Regulamento para o ano de Este regulamento está sujeito a alterações anuais Bolsas asppa+ Regulamento para o ano de 2016 Este regulamento está sujeito a alterações anuais Bolsa asppa+: Suporte financeiro a um português que, durante um período limitado de tempo, desenvolva um projecto

Leia mais

GOVERNO REGIONAL SECRETARIA REGIONAL DA INCLUSÃO E ASSUNTOS SOCIAIS INSTITUTO DE EMPREGO DA MADEIRA, IP-RAM

GOVERNO REGIONAL SECRETARIA REGIONAL DA INCLUSÃO E ASSUNTOS SOCIAIS INSTITUTO DE EMPREGO DA MADEIRA, IP-RAM GOVERNO REGIONAL SECRETARIA REGIONAL DA INCLUSÃO E ASSUNTOS SOCIAIS INSTITUTO DE EMPREGO DA MADEIRA, IP-RAM CANDIDATURA AO PROGRAMA PROJOVEM MEDIDA EXPERIÊNCIA GARANTIA (Portaria nº 136/2014 de 6 de agosto)

Leia mais

AVISO ABERTURA DE CONCURSO INTERNO PARA PROFESSOR BIBLIOTECÁRIO

AVISO ABERTURA DE CONCURSO INTERNO PARA PROFESSOR BIBLIOTECÁRIO AVISO ABERTURA DE CONCURSO INTERNO PARA PROFESSOR BIBLIOTECÁRIO Serve o presente aviso para informar acerca da abertura de concurso para selecção de professor bibliotecário nos termos da Portaria 192-A/2015,

Leia mais

REGULAMENTO DOS ESTÁGIOS DE VERÃO

REGULAMENTO DOS ESTÁGIOS DE VERÃO REGULAMENTO DOS ESTÁGIOS DE VERÃO Nos termos do art.º 24º da Lei nº 62/2007 de 10 de Setembro, compete às Instituições de Ensino Superior apoiar a inserção dos seus estudantes no mundo do trabalho. Tal

Leia mais

MUNICÍPIO DE FAGUNDES VARELA

MUNICÍPIO DE FAGUNDES VARELA PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO N 02/2018 Edital nº 05/2018 CLAUDIA MORESCHI TOMÉ, Prefeita Municipal de Fagundes Varela, no uso de suas atribuições legais, através da Secretaria Municipal de Administração

Leia mais

Artº - 1º Âmbito. Artº - 2º Objectivos

Artº - 1º Âmbito. Artº - 2º Objectivos REGULAMENTO DE ESTÁGIOS IEP- UCP Artº - 1º Âmbito O presente Regulamento de Estágios é válido para os alunos dos Cursos de Licenciatura em Ciência Política e Relações Internacionais e do Programa de Mestrado

Leia mais

REGULAMENTO DOS ESTÁGIOS CURRICULARES MESTRADO EM ECONOMIA

REGULAMENTO DOS ESTÁGIOS CURRICULARES MESTRADO EM ECONOMIA REGULAMENTO DOS ESTÁGIOS CURRICULARES NO ÂMBITO DO MESTRADO EM ECONOMIA Capítulo I OBJETO Artigo 1.º Este regulamento aplica-se, especificamente, aos estágios curriculares no âmbito do Mestrado em Economia

Leia mais

Sessão de esclarecimento

Sessão de esclarecimento Candidatura a mobilidade no âmbito do Programa Erasmus+ Sessão de esclarecimento 29.03.2017 14:30h sala B2.03 SEPRE-RI Serviço de Estudos, Planeamento e Relações Externas - Relações Internacionais ESAC

Leia mais

Regulamento Ser Cientista

Regulamento Ser Cientista Regulamento Ser Cientista 1- Objetivos 1.1 - "Ser Cientista" é um programa que tem por objetivo proporcionar aos alunos do ensino secundário uma aproximação à realidade da investigação científica pela

Leia mais

Regulamento de Estágios

Regulamento de Estágios Regulamento de Estágios 01.10.05 Conteúdo Enquadramento... 3 1 Caracterização... 3 2 Candidatura... 3 2.1 Estágios organizados pelos estudantes... 3 2.1.1 Trabalhadores estudantes... 3 3 Colocação... 4

Leia mais

Programas de Mobilidade ERASMUS +

Programas de Mobilidade ERASMUS + Programas de Mobilidade ERASMUS + 1 Programas de Mobilidade ERASMUS+ e Outras mobilidades Os Programas de Mobilidade consistem em protocolos de cooperação com outras Instituições do Ensino Superior (IES)

Leia mais

EDITAL N.º 1/2017 CONCURSO PARA ATRIBUIÇÃO DE QUATRO BOLSAS DE DOUTORAMENTO

EDITAL N.º 1/2017 CONCURSO PARA ATRIBUIÇÃO DE QUATRO BOLSAS DE DOUTORAMENTO EDITAL N.º 1/2017 CONCURSO PARA ATRIBUIÇÃO DE QUATRO BOLSAS DE DOUTORAMENTO O Doutoramento em Psicologia do ISCTE-IUL, Lisboa (PDPIUL), foi selecionado no âmbito do concurso para financiamento da Fundação

Leia mais

PROGRAMA DE ESTÁGIO Prefeitura da Estância Turística de Ouro Preto do Oeste

PROGRAMA DE ESTÁGIO Prefeitura da Estância Turística de Ouro Preto do Oeste PROGRAMA DE ESTÁGIO Prefeitura da Estância Turística de Ouro Preto do Oeste REGULAMENTO REGULAMENTO DO PROGRAMA DE ESTÁGIO DA PREFEITURA DA ESTÂNCIA TURÍSTICA DE OURO PRETO DO OESTE Agência Virtual de

Leia mais

REGULAMENTO DE ATRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE ESTUDO POR MÉRITO

REGULAMENTO DE ATRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE ESTUDO POR MÉRITO REGULAMENTO DE ATRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE ESTUDO POR MÉRITO ÍNDICE OBJECTO 3 ÂMBITO 3 CONCEITO 3 COMPETÊNCIAS 4 VALOR DA BOLSA 4 NÚMERO DE BOLSAS A ATRIBUIR 4 DISTRIBUIÇÃO DAS BOLSAS 4 ADMISSÃO 4 CRITÉRIOS

Leia mais

ESTÁGIOS PROFISSIONAIS

ESTÁGIOS PROFISSIONAIS ESTÁGIOS PROFISSIONAIS Processo nº: /EP/201 O formulário deve estar totalmente preenchido (sob pena de devolução) e ser entregue com a antecedência mínima de 30 dias face à data de início pretendida. Assinale

Leia mais

Instituto Politécnico de Bragança Regulamento dos concursos especiais de acesso e ingresso no ciclo de estudos conducente ao grau de licenciado

Instituto Politécnico de Bragança Regulamento dos concursos especiais de acesso e ingresso no ciclo de estudos conducente ao grau de licenciado Instituto Politécnico de Bragança Regulamento dos concursos especiais de acesso e ingresso no ciclo de estudos conducente ao grau de licenciado Artigo 1.º Objecto e âmbito O presente regulamento estabelece

Leia mais

Escola do Porto da Faculdade de Direito da Universidade Católica Portuguesa PROGRAMA ERASMUS ESTÁGIO REGULAMENTO

Escola do Porto da Faculdade de Direito da Universidade Católica Portuguesa PROGRAMA ERASMUS ESTÁGIO REGULAMENTO Escola do Porto da Faculdade de Direito da Universidade Católica Portuguesa PROGRAMA ERASMUS ESTÁGIO REGULAMENTO CAPÍTULO I Disposições Gerais Artigo 1º (Objeto) O presente regulamento rege a mobilidade

Leia mais

Mudança de par instituição/curso 2017/2018

Mudança de par instituição/curso 2017/2018 Mudança de par instituição/curso 2017/2018 Definição Mudança de par instituição/curso é o ato pelo qual um estudante se matricula e ou inscreve em par instituição/curso diferente daquele(s) em que, em

Leia mais

REGULAMENTO DE BOLSAS DE ESTUDO EM PORTUGAL PARA LICENCIATURA E MESTRADO INTEGRADO DESTINADAS A ESTUDANTES AFRICANOS DE LÍNGUA PORTUGUESA

REGULAMENTO DE BOLSAS DE ESTUDO EM PORTUGAL PARA LICENCIATURA E MESTRADO INTEGRADO DESTINADAS A ESTUDANTES AFRICANOS DE LÍNGUA PORTUGUESA REGULAMENTO DE BOLSAS DE ESTUDO EM PORTUGAL PARA LICENCIATURA E MESTRADO INTEGRADO DESTINADAS A ESTUDANTES AFRICANOS DE LÍNGUA PORTUGUESA 2017 CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS Artº. 1º. 1. A Fundação Calouste

Leia mais

GUIA PRÁTICO de mobilidade de estudantes ao abrigo do Programa Erasmus /2018

GUIA PRÁTICO de mobilidade de estudantes ao abrigo do Programa Erasmus /2018 GUIA PRÁTICO de mobilidade de estudantes ao abrigo do Programa Erasmus + 2017/2018 A leitura deste Guia é importante mas não dispensa a leitura das Normas de Funcionamento do Programa Serviços de Ciência

Leia mais

Abrem a 1 de janeiro de 2017 os concursos: Bolsa Fulbright para Investigação. Bolsa Fulbright para Investigação com o apoio da FCT

Abrem a 1 de janeiro de 2017 os concursos: Bolsa Fulbright para Investigação. Bolsa Fulbright para Investigação com o apoio da FCT Abrem a 1 de janeiro de 2017 os concursos: Bolsa Fulbright para Investigação Bolsa Fulbright para Investigação com o apoio da FCT para o ano académico 2017/2018 1.Bolsa Fulbright para Investigação Apoio

Leia mais

Regulamento de Estágios da ESTBarreiro/IPS

Regulamento de Estágios da ESTBarreiro/IPS Regulamento de Estágios da ESTBarreiro/IPS Artigo 1.º Objeto 1. O presente regulamento define o regime de estágios curriculares aplicável aos cursos: a) De Especialização Tecnológica; b) De Licenciatura;

Leia mais

REGULAMENTO. Intercâmbio Nacional de Estudantes para efeitos de orientação ou coorientação de trabalhos de investigação

REGULAMENTO. Intercâmbio Nacional de Estudantes para efeitos de orientação ou coorientação de trabalhos de investigação REGULAMENTO Intercâmbio Nacional de Estudantes para efeitos de orientação ou coorientação de Elaborado por: Aprovado por: Versão Reitor 1.0 (José João Amoreira)) (Professor Doutor Rui Oliveira) Revisto

Leia mais

ESTUDANTE INTERNACIONAL CANDIDATURAS, EMOLUMENTOS, CRITÉRIOS DE SERIAÇÃO E DOCUMENTOS A APRESENTAR

ESTUDANTE INTERNACIONAL CANDIDATURAS, EMOLUMENTOS, CRITÉRIOS DE SERIAÇÃO E DOCUMENTOS A APRESENTAR ESTUDANTE INTERNACIONAL CANDIDATURAS, EMOLUMENTOS, CRITÉRIOS DE SERIAÇÃO E DOCUMENTOS A APRESENTAR Prazos de Candidatura 2016/17: Primeira fase: 01 a 27 de março Segunda fase: 06 a 24 de junho Nota: Para

Leia mais

PERGUNTAS E RESPOSTAS FREQUENTES, APRESENTADAS NO ÂMBITO DO CONCURSO ABERTO ATRAVÉS

PERGUNTAS E RESPOSTAS FREQUENTES, APRESENTADAS NO ÂMBITO DO CONCURSO ABERTO ATRAVÉS PERGUNTAS E RESPOSTAS FREQUENTES, APRESENTADAS NO ÂMBITO DO CONCURSO ABERTO ATRAVÉS DO AVISO N.º 10946-A/2015, PUBLICADO NO DIÁRIO DA REPÚBLICA, 2.ª SÉRIE, N.º 188, 1º SUPLEMENTO, DE 25 DE SETEMBRO. Pergunta

Leia mais

Regulamento de Estágios 2º ano - Percurso C

Regulamento de Estágios 2º ano - Percurso C CURSO DE 2º CICLO EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS E COMPORTAMENTO ORGANIZACIONAL Regulamento de Estágios 2º ano - Percurso C COORDENAÇÃO DO CURSO DE 2º CICLO EM GRHCO Coimbra 2015-2016 Índice Introdução...

Leia mais

Edital de Processo de Seleção de Docente para bolsa de estudos para o Programa Top Espanha Santander Universidades Edição 2017

Edital de Processo de Seleção de Docente para bolsa de estudos para o Programa Top Espanha Santander Universidades Edição 2017 Edital ARI Nº 004/2017 Edital de Processo de Seleção de Docente para bolsa de estudos para o Programa Top Espanha Santander Universidades Edição 2017 O Centro Paula Souza CEETEPS, por meio de sua Assessoria

Leia mais

EDITAL Nº 02/2014 SELEÇÃO DE ESTÁGIO REMUNERADO PARA ESTUDANTE DE NÍVEL MÉDIO

EDITAL Nº 02/2014 SELEÇÃO DE ESTÁGIO REMUNERADO PARA ESTUDANTE DE NÍVEL MÉDIO EDITAL Nº 02/2014 SELEÇÃO DE ESTÁGIO REMUNERADO PARA ESTUDANTE DE NÍVEL MÉDIO Objeto: Formação de cadastro de reserva de estágio para estudantes de nível médio em diversas áreas de atuação da Embrapa Caprinos

Leia mais

Regulamento das Bolsas PARSUK Xperience 2014

Regulamento das Bolsas PARSUK Xperience 2014 Regulamento das Bolsas PARSUK Xperience 2014 1. Parte 1 Objectivos, valor e designação das bolsas 1.1. O programa PARSUK Xperience pretende dar a oportunidade a alunos de licenciatura ou mestrado em Portugal

Leia mais

CURSO DE ENGENHARIA ALIMENTAR

CURSO DE ENGENHARIA ALIMENTAR CURSO DE ENGENHARIA ALIMENTAR Regulamento de Estágio 1. Objectivo Na unidade curricular Estágio, que consta no 6º semestre do plano de estudos da Licenciatura em Engenharia Alimentar, pretende-se que os

Leia mais

CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL. Edital de seleção Nº 01/2017

CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL. Edital de seleção Nº 01/2017 CURSO DE LICENCIATURA EM FÍSICA PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL Edital de seleção Nº 01/2017 Seleção de Estudantes para compor o PET- Física - IFCE - CAMPUS SOBRAL O Tutor do Programa de Educação Tutorial

Leia mais

AVISO DE ABERTURA N.º 361/GA/GAI. Ano letivo 2017/2018 Curso de 2º Ciclo. 2º Ciclo Mestrado em Direito

AVISO DE ABERTURA N.º 361/GA/GAI. Ano letivo 2017/2018 Curso de 2º Ciclo. 2º Ciclo Mestrado em Direito AVISO DE ABERTURA N.º 361/GA/GAI Faculdade de Direito Ano letivo 2017/2018 Curso de 2º Ciclo 2º Ciclo Mestrado em Direito 1. Numerus clausus: 1ª Fase: 0 vagas 2ª Fase: 130* vagas 3ª Fase: 130* vagas +

Leia mais

Acesso ao Ensino Superior. Serviços de Psicologia e Orientação Escola Secundária Francisco Rodrigues Lobo

Acesso ao Ensino Superior. Serviços de Psicologia e Orientação Escola Secundária Francisco Rodrigues Lobo Acesso ao Ensino Superior Serviços de Psicologia e Orientação Escola Secundária Francisco Rodrigues Lobo Aque perguntas vamos responder? 1. Que curso do ensino secundário (ou disciplinas) é necessário

Leia mais

REGULAMENTO dos PROGRAMAS MUNICIPAIS

REGULAMENTO dos PROGRAMAS MUNICIPAIS MUNICÍPIO DE MESÃO FRIO Câmara Municipal REGULAMENTO dos PROGRAMAS MUNICIPAIS de ATIVIDADES de FÉRIAS e de OCUPAÇÃO dos TEMPOS LIVRES 6 aos 18 anos - Programa Municipal de Atividades de Férias (AF 6/13)

Leia mais

Regulamento de Estágios para o Primeiro e Segundo Ciclo Cursos de Ciência Política e Relações Internacionais 2009 / 2010

Regulamento de Estágios para o Primeiro e Segundo Ciclo Cursos de Ciência Política e Relações Internacionais 2009 / 2010 Regulamento de Estágios para o Primeiro e Segundo Ciclo Cursos de Ciência Política e Relações Internacionais 2009 / 2010 Âmbito O presente Regulamento de Estágios é válido para os alunos dos Cursos de

Leia mais

Instituto de Educação

Instituto de Educação Instituto de Educação Universidade de Lisboa Oferta Formativa Pós-Graduada Doutoramento em Educação Especialização: Didática das Ciências Edição Instituto de Educação da Universidade de Lisboa maio de

Leia mais

Artigo 2º Conceito de Estudante Internacional 1. É estudante internacional o estudante que não tem nacionalidade portuguesa.

Artigo 2º Conceito de Estudante Internacional 1. É estudante internacional o estudante que não tem nacionalidade portuguesa. Artigo 1º Objetivo e âmbito de aplicação O presente regulamento tem como objetivo dar cumprimento ao artigo 14º do Decreto-Lei nº 36/2014, de 10 março e aplica-se exclusivamente aos estudantes internacionais

Leia mais

EDITAL Nº 01, DE 07 DE MARÇO DE 2016

EDITAL Nº 01, DE 07 DE MARÇO DE 2016 EDITAL Nº 01, DE 07 DE MARÇO DE 2016 A DIRETORIA DE GESTÂO DE PESSOAS DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAPÁ, no uso de suas atribuições, considerando a Lei 11.788/2008, publicada

Leia mais

(Preâmbulo) Artigo 1.º Objecto e âmbito

(Preâmbulo) Artigo 1.º Objecto e âmbito Instituto Politécnico de Bragança Regulamento dos regimes de mudança de curso, transferência e de reingresso no ciclo de estudos conducente ao grau de licenciado (Preâmbulo) A legislação decorrente da

Leia mais

Gabinete de Dissertações de Mestrado do Departamento de Bioengenharia (GaDM-DBE)

Gabinete de Dissertações de Mestrado do Departamento de Bioengenharia (GaDM-DBE) DISSERTAÇÃO DE MESTRADO EM BIOTECNOLOGIA GUIA DO ALUNO Dissertação de Mestrado em Biotecnologia - 2015 1. ENTIDADES COORDENADORAS Comissão Científica do Mestrado em Biotecnologia Prof.ª Isabel Sá Correia

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIOS (LICENCIATURAS)

REGULAMENTO DE ESTÁGIOS (LICENCIATURAS) REGULAMENTO DE ESTÁGIOS (LICENCIATURAS) CAPÍTULO I OBJETIVOS, TIPOLOGIA E CONCEITOS Artigo 1.º Objetivos Os estágios têm como finalidade proporcionar aos estudantes: a) Um contacto com métodos e técnicas

Leia mais

Programa de Mobilidade Nacional Almeida Garrett. Princípios Orientadores

Programa de Mobilidade Nacional Almeida Garrett. Princípios Orientadores Programa de Mobilidade Nacional Almeida Garrett Princípios Orientadores 2011/2012 1. Enquadramento O Programa Almeida Garrett, adiante designado por Programa AG, é o programa de mobilidade nacional de

Leia mais

Regulamento de Estágios 2º ano - Percurso C

Regulamento de Estágios 2º ano - Percurso C CURSO DE 2º CICLO EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS E COMPORTAMENTO ORGANIZACIONAL Regulamento de Estágios 2º ano - Percurso C COORDENAÇÃO DO CURSO DE 2º CICLO EM GRHCO Coimbra 2016-2017 Índice Introdução...

Leia mais

Associação das Empresas Familiares. Programa Intercâmbio de Estágios Regulamento de funcionamento

Associação das Empresas Familiares. Programa Intercâmbio de Estágios Regulamento de funcionamento Associação das Empresas Familiares Programa Intercâmbio de Estágios Regulamento de funcionamento Índice 1. Enquadramento 1 2. Caracterização do Programa 2 2.1. Objectivos 2 2.2. Tipos de Estágios e duração

Leia mais

FAQ - MONITORIA ACADÊMICA EAD

FAQ - MONITORIA ACADÊMICA EAD FAQ - MONITORIA ACADÊMICA EAD 1. O que é o Programa de Monitoria? O Programa de Monitoria Acadêmica da UFRGS foi aprovado pela Instrução Normativa nº 02/2011 PROGRAD. A Instrução Normativa, através do

Leia mais

Regulamento Programa Almeida Garrett

Regulamento Programa Almeida Garrett Regulamento Programa Almeida Garrett 1º (Âmbito) 1. O programa Almeida Garrett é um programa de mobilidade interna de estudantes do ensino superior público universitário. 2. No quadro da mobilidade de

Leia mais

EESTÁGIO PROFISSIONAL

EESTÁGIO PROFISSIONAL CAPÍTULO I Artigo 1.º Regime aplicável 1. O presente regulamento refere-se aos procedimentos de regulação do Estágio do 1.º ano do ramo de Design, da licenciatura do Curso de Arte e Design da Escola Superior

Leia mais

Regulamento de Candidatura e Frequência de Unidades Curriculares Isoladas e de Estudantes em Regime de Tempo Parcial

Regulamento de Candidatura e Frequência de Unidades Curriculares Isoladas e de Estudantes em Regime de Tempo Parcial Regulamento de Candidatura e Frequência de Unidades Curriculares Isoladas e de Estudantes em Regime de Tempo Parcial 2015 2015 em Regime de Tempo Parcial 1 ÍNDICE Nota Introdutória... 3 Capítulo I Disposições

Leia mais

Programa de Bolsas Ibero-américa Santander Normas do Programa no ISCTE-IUL 2017/2018

Programa de Bolsas Ibero-américa Santander Normas do Programa no ISCTE-IUL 2017/2018 Programa de Bolsas Ibero-américa Santander Normas do Programa no ISCTE-IUL 2017/2018 Introdução O Banco Santander, através da sua divisão Santander Universidades, promove o Programa de Bolsas Ibero-américa,

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE PERNAMBUCO CAMPUS IPOJUCA DIRETORIA DE EXTENSÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE PERNAMBUCO CAMPUS IPOJUCA DIRETORIA DE EXTENSÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE PERNAMBUCO CAMPUS IPOJUCA DIRETORIA DE EXTENSÃO EDITAL Nº01/2016, DE 22 DE JUNHO DE 2016 SELEÇÃO INTERNA

Leia mais

Bolsas asppa+ Regulamento para o ano de 2017

Bolsas asppa+ Regulamento para o ano de 2017 Bolsas asppa+ Regulamento para o ano de 2017 Bolsa asppa+: Suporte financeiro a um Português que, durante um período limitado de tempo, desenvolva um projecto profissional numa empresa ou Instituição alemã,

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PROGRAMA DE ESTÁGIO EMBASA

PROCESSO SELETIVO PROGRAMA DE ESTÁGIO EMBASA PROCESSO SELETIVO PROGRAMA DE ESTÁGIO EMBASA O Instituto Euvaldo Lodi IEL/BA está realizando o processo seletivo para o Programa de Estágio da Empresa Baiana de Águas e Saneamento S.A. - EMBASA. O objetivo

Leia mais

MODO DE FUNCIONAMENTO

MODO DE FUNCIONAMENTO MODO DE FUNCIONAMENTO Índice Como decorrem as formações (já a seguir, nesta página ) Como decorrem as fases administrativas (inscrições e pagamentos) (pág. 2) Serviços disponíveis (biblioteca, wireless,

Leia mais

Edital de Processo de Seleção para bolsa de estudos para o Programa Top Espanha Santander Universidades Edição 2017

Edital de Processo de Seleção para bolsa de estudos para o Programa Top Espanha Santander Universidades Edição 2017 Edital ARI Nº 003/2017 Edital de Processo de Seleção para bolsa de estudos para o Programa Top Espanha Santander Universidades Edição 2017 O Centro Paula Souza CEETEPS, por meio de sua Assessoria de Relações

Leia mais

DESPACHO ESTSP/P 19-A/2015

DESPACHO ESTSP/P 19-A/2015 DESPACHO ESTSP/P 19-A/2015 Assunto: REGULAMENTO GERAL DE ESTÁGIO DO 2º CICLO Considerando: 1. A publicação do Decreto-Lei nº 115/2013, de 7 de agosto, que alterou o regime Jurídico dos Graus Académicos

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO DO PROGRAMA DE ESTÁGIOS EXTRA-CURRICULARES DO DEPARTAMENTO DE ESTÁGIOS E SAÍDAS PROFISSIONAIS NECF

REGULAMENTO INTERNO DO PROGRAMA DE ESTÁGIOS EXTRA-CURRICULARES DO DEPARTAMENTO DE ESTÁGIOS E SAÍDAS PROFISSIONAIS NECF REGULAMENTO INTERNO DO PROGRAMA DE ESTÁGIOS EXTRA-CURRICULARES DO DEPARTAMENTO DE ESTÁGIOS E SAÍDAS PROFISSIONAIS NECF O Núcleo de Estudantes de Ciências Farmacêuticas (NECF) é uma organização sem fins

Leia mais

Regulamento do concurso para a atribuição de Bolsas Universidade de Lisboa/Fundação Amadeu Dias 2013/2014

Regulamento do concurso para a atribuição de Bolsas Universidade de Lisboa/Fundação Amadeu Dias 2013/2014 Regulamento do concurso para a atribuição de Bolsas Universidade de Lisboa/Fundação Amadeu Dias 2013/2014 Artigo 1.º Enquadramento 1. Este regulamento é organizado no âmbito do acordo de cooperação celebrado

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PROGRAMA DE ESTÁGIO INTERNO 2017 GERÊNCIA DE PROJETOS E OBRAS/HUAP

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PROGRAMA DE ESTÁGIO INTERNO 2017 GERÊNCIA DE PROJETOS E OBRAS/HUAP UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PROGRAMA DE ESTÁGIO INTERNO 2017 GERÊNCIA DE PROJETOS E OBRAS/HUAP EDITAL Nº 01/2017 - SELEÇÃO PARA ESTÁGIO INTERNO NÃO OBRIGATÓRIO 1. DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES O presente

Leia mais

CANDIDATURA A BOLSA DE MÉ RITO PARA ESTUDOS PÓ S-GRADUADOS DO ANO ACADÉ MICO DE

CANDIDATURA A BOLSA DE MÉ RITO PARA ESTUDOS PÓ S-GRADUADOS DO ANO ACADÉ MICO DE 2016/2017 學 年 研 究 生 獎 學 金 申 請 申 請 人 可 於 研 究 生 資 助 發 放 技 術 委 員 會 的 網 上 系 統 直 接 填 寫 申 請 表 後, 列 印 及 簽 署, 並 連 同 其 他 申 請 文 件 交 到 大 學 生 中 心 ( 地 址 : 澳 門 荷 蘭 園 大 馬 路 68-B 號 華 昌 大 廈 地 下 B 座 ) CANDIDATURA A BOLSA

Leia mais

EDITAL 05/2017 PROPPIT/UFOPA

EDITAL 05/2017 PROPPIT/UFOPA EDITAL 05/2017 PROPPIT/UFOPA A Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação Tecnológica, torna público este edital de seleção de voluntários para trabalhar na organização do VII Seminário de Iniciação

Leia mais

COMPETÊNCIAS DA DAG / RELAÇÕES INTERNACIONAIS

COMPETÊNCIAS DA DAG / RELAÇÕES INTERNACIONAIS COMPETÊNCIAS DA DAG / RELAÇÕES INTERNACIONAIS Numa Europa que se pretende aberta, competitiva e multicultural, a livre circulação de pessoas e a igualdade de oportunidades também tem de ser assegurada

Leia mais

EDITAL 01/2016 - PROCESSO SELETIVO PARA FUNÇÃO DE TÉCNICO EM LABORATÓRIOS DE QUÍMICA

EDITAL 01/2016 - PROCESSO SELETIVO PARA FUNÇÃO DE TÉCNICO EM LABORATÓRIOS DE QUÍMICA EDITAL 01/2016 - PROCESSO SELETIVO PARA FUNÇÃO DE TÉCNICO EM LABORATÓRIOS DE QUÍMICA A Fundação Educacional de Fernandópolis FEF localizada no município de Fernandópolis Estado de São Paulo torna pública

Leia mais

REGULAMENTO DAS PROVAS ESPECIALMENTE ADEQUADAS DESTINADAS A AVALIAR A CAPACIDADE PARA A FREQUÊNCIA DO ENSINO SUPERIOR DOS MAIORES DE 23 ANOS

REGULAMENTO DAS PROVAS ESPECIALMENTE ADEQUADAS DESTINADAS A AVALIAR A CAPACIDADE PARA A FREQUÊNCIA DO ENSINO SUPERIOR DOS MAIORES DE 23 ANOS REGULAMENTO DAS PROVAS ESPECIALMENTE ADEQUADAS DESTINADAS A AVALIAR A CAPACIDADE PARA A FREQUÊNCIA DO ENSINO SUPERIOR DOS MAIORES DE 23 ANOS MARÇO 2010 ÍNDICE Âmbito 3 Componentes Obrigatórias da Avaliação

Leia mais

Pós-graduação Tecnologia Aeronáutica. Edital 2013/2014

Pós-graduação Tecnologia Aeronáutica. Edital 2013/2014 Pós-graduação Tecnologia Aeronáutica Edital 2013/2014 Setúbal, dezembro de 2012 ENQUADRAMENTO E OBJECTIVOS O curso de Pós-Graduação em Tecnologia Aeronáutica (PGTA) é uma realização da Escola Superior

Leia mais

Apresentação do Programa Erasmus Coordenadora de Mobilidade Outgoing Profª Cristina Firmino (Gab. 64, ESGHT - Faro -

Apresentação do Programa Erasmus Coordenadora de Mobilidade Outgoing Profª Cristina Firmino (Gab. 64, ESGHT - Faro - Apresentação do Programa Erasmus+ 2017-18 Coordenadora de Mobilidade Outgoing Profª Cristina Firmino (Gab. 64, ESGHT - Faro - cfirmino@ualg.pt) Acrónimo do nome oficial em língua Inglesa: European Region

Leia mais

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO DESPORTIVA E DE LAZER NÚCLEO DE EVENTOS E PROJETOS DE GESTÃO DESPORTIVA E DE LAZER

CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO DESPORTIVA E DE LAZER NÚCLEO DE EVENTOS E PROJETOS DE GESTÃO DESPORTIVA E DE LAZER CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM GESTÃO DESPORTIVA E DE LAZER NÚCLEO DE EVENTOS E PROJETOS DE GESTÃO DESPORTIVA E DE LAZER EDITAL 001 / Campus Botafogo/ FACHA, de 17 de Novembro de 2016 PROCESSO SIMPLIFICADO

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PROGRAMA DE ESTÁGIO INTERNO 2017 EDITAL DE SELEÇÃO PARA ESTÁGIO INTERNO NÃO OBRIGATÓRIO SECRETARIA DA EEIMVR/VEI

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PROGRAMA DE ESTÁGIO INTERNO 2017 EDITAL DE SELEÇÃO PARA ESTÁGIO INTERNO NÃO OBRIGATÓRIO SECRETARIA DA EEIMVR/VEI UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PROGRAMA DE ESTÁGIO INTERNO 2017 EDITAL DE SELEÇÃO PARA ESTÁGIO INTERNO NÃO OBRIGATÓRIO SECRETARIA DA EEIMVR/VEI 1. DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES O presente Edital destina-se

Leia mais

MESTRADOS. Artigo 1.º Criação A Escola Superior de Comunicação Social confere o grau de Mestre em Gestão Estratégica das Relações Públicas.

MESTRADOS. Artigo 1.º Criação A Escola Superior de Comunicação Social confere o grau de Mestre em Gestão Estratégica das Relações Públicas. MESTRADOS REGIME DE FREQUÊNCIA E AVALIAÇÃO GESTÃO ESTRATÉGICA DAS RELAÇÕES PÚBLICAS Artigo 1.º Criação A Escola Superior de Comunicação Social confere o grau de Mestre em Gestão Estratégica das Relações

Leia mais

Regulamento do Estágio e Projecto Final de Curso

Regulamento do Estágio e Projecto Final de Curso Regulamento do Estágio e Projecto Final de Curso 1. Introdução O presente regulamento refere-se ao Estágio e Projecto Individual, previsto nos planos curriculares dos cursos de licenciatura da Escola Superior

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA GABINETE DO REITOR NÚCLEO DE TECNOLOGIA EDUCACIONAL

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA GABINETE DO REITOR NÚCLEO DE TECNOLOGIA EDUCACIONAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA GABINETE DO REITOR NÚCLEO DE TECNOLOGIA EDUCACIONAL EDITAL Nº. 001, de 01 de fevereiro de 2017. O Núcleo de Tecnologia Educacional da Universidade

Leia mais