REFORMA E AMPLIAÇÃO DA CÂMARA MUNICIPAL DE MOGI-GUAÇU MEMORIAL DESCRITIVO

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "REFORMA E AMPLIAÇÃO DA CÂMARA MUNICIPAL DE MOGI-GUAÇU MEMORIAL DESCRITIVO"

Transcrição

1 REFORMA E AMPLIAÇÃO DA CÂMARA MUNICIPAL DE MOGI-GUAÇU MEMORIAL DESCRITIVO

2 2 INDICE Objetivo pág Serviços Preliminares pág. 04 Demolições pág. 04 Instalação de canteiro e preparo do terreno pág Infraestrutura pág Superestrutura pág Alvenaria e elemento divisor pág Cobertura pág Impermeabilização pág Esquadrias pág Calafetação pág Instalações Hidráulicas pág. 06 Água fria pág. 06 Esgoto pág. 06 Águas pluviais pág. 07 Louças, metais e acessórios pág Instalações Elétricas pág. 07 Quadros e caixas de passagem pág. 07 Rede de distribuição pág. 07 Pontos de iluminação e tomadas pág Revestimentos pág Pisos pág Forro pág Pintura pág Vidros pág Serviços externos pág Serviços complementares pág. 09

3 3 1 - OBJETIVO O presente Memorial tem por objetivo, descrever de maneira clara e sucinta a execução da reforma e ampliação que contempla o Prédio da Câmara Municipal de Mogi-Guaçu localizado a Rua José Colombo, nº 235 Bairro Morro do Ouro Mogi-Guaçu-Sp. Considerando as especificações em um memorial único onde engloba todos os serviços da planilha descrita em anexo.

4 4 1 - SERVIÇOS PRELIMINARES Demolições As demolições poderão ser manuais ou mecanizadas, com ferramental apropriado relativo ao tipo de material a ser demolido. Deverão ser demolidas alvenarias de vedação, revestimentos em argamassa ou cerâmico, incluindo a base de assentamento, pisos e estruturas em concreto simples ou armado, revestimento de piso cerâmico inclusive camada de regularização e demais itens descritos de acordo com o projeto. As demolições devem ser feitas de forma a não danificar demais estruturas adjacentes e todas as camadas demolidas devem ser retiradas e depositadas em caçamba de entulho especifica. Após a demolição as áreas devem ser completamente limpas e varridas para a perfeita execução dos serviços posteriores. Deve ser removido todo o carpete da área do plenário que futuramente será substituído por novos carpetes auto-tráfego. A parte frontal do palanque na área do plenário deverá ter as extremidades demolidas e a face remanescente apicoada para que possa ser ampliada. As mantas asfálticas das áreas determinadas em projeto deverão ser removidas, inclusive as camadas de proteção mecânica e de regularização. Todo o volume de detrito proveniente das retiradas e demolições, materiais inservíveis e entulhos deverão ser acondicionados em caçambas metálicas até o momento do transporte para o aterro municipal de materiais inertes. Instalação de canteiro e preparo do terreno O canteiro de obras deve ser executado em chapas plastificadas e cobertura em telha amianto a fim de armazenar o maquinário e os materiais pertencentes à obra. Deve ser montado sobre lastro de concreto 15MPA, com altura de pé direito aproximado de 2,40cm em local previamente acordado com a contratante. Deve ser fornecida e instalada placa de obra padrão de acordo com as normas do órgão em alumínio galvanizado no formato 300x200mm. Deverá ser feita corte e aterro do terreno conforme o projeto de ampliação em camadas de 20 cm apiloadas misturando-se ao solo local, se necessário, mistura de terra argilosa e cimento na proporção 6:1 para melhor fixação e adensamento das camadas aterradas. O corte, o aterro e o apiloamento poderão ser executados mecanicamente ou manualmente desde que atinja o nível de estabilidade necessário para a execução das ampliações. Está previsto o fechamento a fim de restringir acesso ás áreas em obra, tapumes fixo em chapas de madeira compensada com altura igual ou superior a 2,00m, previamente planejados para o fechamento do acesso aos corredores laterais e parte frontal da obra INFRAESTRUTURA Consiste na execução das sapatas, brocas e baldrames da fundação. A profundidade mínima para as brocas deverá ser avaliada de acordo com o perfil de solo do terreno em diâmetro 30 cm, executadas com trado manual. As armaduras deverão ser confeccionadas de acordo com as normas da ABNT, executadas em aço CA-50 e CA-60, assim como a concretagem quanto aos materiais e componentes, o seu lançamento e os cuidados referentes à cura e retirada das formas. O concreto a ser utilizado deverá ser de no mínimo fck 20,0mpa e hidratado constantemente pelo período necessário a fim de atingir perfeita cura.

5 5 As formas deverão ser em madeira maciça, tipo misto, com espessura mínima de 2,5cm, incluindo escoras e gravatas nas amarrações, não devendo sofrer deformações prejudiciais sob ação de cargas. As superfícies em contato com o concreto deverão estar limpas e isentas de incrustações. Todas as fôrmas deverão ser molhadas poucos minutos antes da concretagem, para que as peças estruturais não percam umidade rapidamente e assim diminuindo sua resistência final. Os baldrames e sapatas deverão ser impermeabilizados a altura conveniente com argamassa de cimento e areia traço 1:3 com aditivo hidrófugo. Após a secagem deverão ser tingidas com tinta betuminosa quantas demãos forem necessárias ao total cobrimento da peça. 3- SUPERESTRUTURA Consiste na execução de pilares, vigas e lajes por meio de concreto armado executado in loco, com resistência mínima igual à fck 25,0mpa. As formas deverão ser executadas em madeira maciça mista, incluindo cimbramento, gravatas e sarrafos de enrijecimento, não devendo sofrer deformações prejudiciais sob ação de cargas e, as superfícies em contato com o concreto deverão estar limpas e isentas de incrustações, devendo ser molhadas as fôrmas minutos antes da concretagem, para se garantir que as peças estruturais não percam umidade rapidamente e assim prejudique sua cura e resistência final. O espaçamento máximo para o cimbramento deverá ser de 1,20m. As armaduras serão confeccionadas de acordo com as normas da ABNT. Para pilares deverão ser executadas em aço CA-50 e CA-60 com bitola mínima de 10 mm. O concreto deverá ser lançado se possível em camadas de 20 cm a fim de se obter um melhor adensamento, vibrado com vibradores de imersão evitando que o mesmo encoste-se à armadura ou na forma no momento da concretagem e após a solidificação deve ser hidratado constantemente pelo período aproximado de sete dias a fim de se obter a perfeita cura da peça. A Laje de piso deverá ser do tipo vigota treliçada lt16 100kgf/m² e a de cobertura deverão ser do tipo vigota treliçada lt12 100kgf/m² ambas com enchimento em elemento cerâmico, capeadas com concreto 25mpa armado em tela de aço CA60 fyk=600mpa. Deverão ser escoradas com caibros bruto de pinus e molhadas constantemente por no mínimo 7 dias para que assim o concreto possa obter a perfeita cura. 4- ALVENARIA E ELEMENTO DIVISOR As elevações de alvenaria deverão ser executadas em blocos de concreto e=14cm de acordo com o projeto, assentados em argamassa de cimento, cal e areia no traço 1:2:8 respeitando-se as juntas de amarração, o encabeçamento e nivelamento dos blocos. Sobre vãos de portas e janelas e, sob o vão de janelas, serão confeccionadas vergas e contravergas, respectivamente. Sobre o respaldo da alvenaria e sob as vigas da laje deverão ser executadas cintas de amarração, todas em bloco do tipo canaleta de concreto preenchidos com concreto transpassado com barras de aço CA-50 no sentido longitudinal. As vergas e contra vergas deverão ultrapassar os vãos em no mínimo 15 cm de cada lado, para garantir a perfeita distribuição das cargas e não sobrecarregar as alvenarias. A cinta de amarração deverá ser armada por todo o perímetro, no sentido longitudinal, com aço CA-50. Deverão ser executadas divisórias em granito sobrepostas a base do piso na altura de 20cm com altura de 1,60 cm nas instalações sanitárias conforme posicionadas em projeto. 5- COBERTURA A estrutura de cobertura deverá ser metálica confeccionada em terças conforme o projeto executivo em aço ASTM ou ABNT não patinável. As telhas deverão ser em alumínio trapezoidal e=0,5mm com acabamento natural. Deverão ser instaladas calhas e rufos em chapa de aço zincado nº26 com corte aproximado de 0,50m montadas de acordo com o projeto. As peças deverão receber pintura externa em tinta esmalte e fixadas com grampos em aço zincado. No topo da platibanda que contorna o prédio deverá ser instalado chapim em chapa galvanizada nº26 com corte aproximado de 0,33m

6 6 6- IMPERMEABILIZAÇÃO Será executada a impermeabilização das lajes indicadas em projeto com manta asfáltica 4mm. Toda a superfície de laje a ser impermeabilizada deverá ser regularizada com argamassa 1:3 com espessura de 2,5cm. Após a secagem da regularização deverá ser feita a varrição das mesmas a fim de eliminar detritos e possíveis resquícios soltos de argamassa na base. Sobre a manta deverá ser executada camada de proteção mecânica traço 1:7 com espessura mínima de 3cm. 7-ESQUADRIAS Deverão ser instaladas portas em madeira sarrafeada para pintura com batente e guarnições na medida 80x210cm e 90x210cm no sanitário para portadores de necessidades especiais, adornadas com fechadura do tipo alavanca de boa qualidade. Nas divisórias sanitárias serão instaladas portas em sarrafeado maciço de 60x180cm com batentes metálicos previamente fixados nas divisórias em granito. Todas as portas deverão ser lixadas e pintadas com tinta esmalte na cor padrão das demais portas da edificação. fêmea e amarração com travessas embutidas, largura variável entre 60 cm a 90 cm, e altura de 2,10m Deverá ser instalada Porta em chapa de ferro na entrada do plenário, janelas maximar e de correr e porta de abrir em vidro com estrutura em ferro ou alumínio na entrada da recepção. Os caixilhos poderão ser em ferro ou alumínio conforme indicações do projeto deverão apresentar básculas e batentes em perfis de ferro, alavanca em aço carbono zincado. Deverão ser fixados com argamassa de areia e cimento no traço de 1:3. A pintura será em esmalte sintético sobre base antioxidante. 8-CALAFETAÇÂO Deverá ser executada calafetação em todas as esquadrias existentes com silicone gaxeta. 9-INSTALAÇÕES HIDRÁULICAS E SANITÁRIAS Água Fria Deverá ser instalado reservatório de 1000lts em polietileno com tampa e torneira bóia em latão dn 25 mm (1 ). As tubulações de água fria deverão ser executadas com tubos rígidos de PVC, com junta soldável, no diâmetro nominal descrito em projeto. Os tubos devem ser previamente lixados com lixa nº100, limpos com estopa e solução limpadora e então colados com cola para PVC. Será executado teste de pressão na tubulação antes do fechamento dos rasgos na alvenaria por argamassa, de modo a detectar possíveis vazamentos. Deverá se instalado ainda, registro de gaveta com canopla cromada dn 20 mm (3/4 ) nos sanitários, registro de gaveta bruto dn 40 mm (11/2 ) na saída principal do reservatório afim de controlar o fluxo de abastecimento do prédio e válvula fluxível com registro incorporado e acabamento antivandalismo dn= 32 mm (11/4 ) no sanitário para portadores de necessidades especiais. Esgoto As tubulações de esgoto deverão ser executadas com tubos de PVC com bolsa nas dimensões nominais especificados em projeto e fixados com anel elástico. As juntas dos tubos de PVC serão executadas com os devidos cuidados para se evitar o enrolamento das juntas de borracha. Os tubos deverão ser assentes com as bolsas voltadas para montante, isto, no sentido contrário ao de escoamento. Será ainda instalado nos sanitários, caixa sifonada dn 150x150x50 mm com grelha metálica para escoamento das águas de lavagem. A caixa de inspeção será em alvenaria de tijolos maciços 60x60cm, revestida de argamassa de cimento e areia no traço 1:3. Terão tampas de concreto ou ferro fundido que lhes assegure perfeita vedação e, que ao mesmo tempo sejam facilmente removíveis para permitir a inspeção e limpezas periódicas.

7 7 Águas pluviais Deverá ser instalada canaleta de capitação e caminhamento de concreto ½ cana de 20 cm sobre lastro de concreto magro ou pedra britada em toda a frente da edificação a fim de escoar as águas de chuva fluidas do declive do terreno e para captação das águas escoadas da cobertura. Deve-se manter a declividade mínima de 0,3% para que se evite empossamentos e refluxos. Deverá ainda ser executada caixa de inspeção será em alvenaria de tijolos maciços 70x70 cm, revestida de argamassa de cimento e areia no traço 1:3. Terão tampas de concreto ou ferro fundido que lhes assegure perfeita vedação e, que ao mesmo tempo sejam facilmente removíveis para permitir a inspeção e limpezas periódicas, ligada a rede pluvial por tubo de PVC tipo R 150mm. Louças, metais e acessórios Serão instaladas bacias sanitárias 6lts com caixa de descarga acoplada e tampa plástica e bacia sanitária para portadores de necessidades especiais com tampa adequada as necessidades de portadores de deficiência inclusive com barras de apoio nos dois lados de aparelhamento em tubo de aço galvanizado de 11/2. Também serão instalados mictórios em louça auto-aspirante nos banheiros masculinos. Os lavatórios serão em louça com coluna exceto no sanitário para portadores de necessidades especiais onde o mesmo será do tipo coluna suspensa adaptado para o caso. Deverão ser instaladas barras de apoio e proteção junto ao lavatório a fim de auxiliar o uso a pessoas portadoras de necessidades especiais. As torneiras serão todas de mesa com padrão de fechamento automático a fim de restringir e economizar o gasto de água do prédio. 10- INSTALAÇÕES ELÉTRICAS Quadros e caixas de passagem Deverá ser fornecido com montagem completa e aterramento quadro geral de energia conforme projeto de elétrica inclusive com disjuntores especificados e barramento. Deverá ainda ser executada caixa de inspeção será em alvenaria de tijolos maciços 60x60 cm, revestida de argamassa de cimento e areia no traço 1:3. Terão tampas de concreto ou ferro fundido que lhes assegure perfeita vedação e, que ao mesmo tempo sejam facilmente removíveis para permitir a inspeção. Rede de distribuição Serão instalados eletrodutos em polietileno de diâmetro nominal conforme especificado em projeto que deverá ser embutido nas paredes ou no piso e chumbados com argamassa de areia e cimento no traço 1:5. As tubulações deverão apresentar ligeira e contínua declividade para as caixas de passagem estampadas com tampas plásticas de 4 x2 ou 4x4 conforme o projeto. Em caso de tubulação enterrada, deverá ser executado envelope de concreto para proteção mecânica. Pontos de iluminação e tomadas Deverão ser instaladas tomadas, de parede, de piso, especificas para ar condicionado e pontos de luz de emergência conforme as especificações do projeto de elétrica. As tomadas devem ser instaladas em caixa 4x2 com placa e eletroduto de polietileno. Será instalada Iluminação autônoma de emergência completa com acessórios de fixação e ligação com bateria de autonomia mínima de 2 horas. Serão ainda instaladas luminárias tipo calha fechada para 2 lâmpadas fluorescentes de sobrepor ou embutir, conforme especificações do projeto de elétrica, com reator eletromagnético de alto fator de potência com partida rápida base bipino de 32w e com lâmpadas fluorescentes tubulares de 32w. Os interruptores serão do tipo simples com uma ou duas teclas, instalados conforme projeto em caixas 4x2 com espelho e eletroduto. 11- REVESTIMENTOS Os revestimentos em argamassa deverão apresentar paramentos perfeitamente desempenados, aprumados, alinhados e nivelados. A mescla dos componentes das argamassas será feita com o devido cuidado para que a mesma adquira perfeita homogeneidade. As superfícies de paredes serão limpas e previamente molhadas antes do início dos revestimentos. Estes deverão ser iniciados depois de embutidas todas as canalizações que sob eles passarem.

8 8 Será aplicado sobre as alvenarias a construir, chapisco preparado com argamassa de cimento e areia grossa no traço 1:3, lançado com colher de pedreiro. As superfícies deverão ser limpas e retiradas as partes soltas, então, deverá ser aplicado aberto e uniformemente com recobrimento total, cura mínima de 24 horas e espessura aproximada de 5mm. Após a secagem do chapisco, deverá ser executado o emboço desempenado, com argamassa mista de cimento, cal e areia média no traço 1:2:8, quando em locais em contato com o solo, utilizar argamassa de cimento e areia média no traço 1:4 com cura de mínimo 7 dias. Inicialmente executam-se as guias e faixas verticais com auxílio de fio prumo, preenchem-se as faixas de alto a baixo, então, o desempenamento prévio é feito com régua de alumínio e o acabamento final com desempenadeira de madeira. A espessura média a ser alcançada é entre 1,5 e 2,0cm. Após completa cura do emboço, com uma argamassa de cal no traço 1:4, onde não estiver previsto azulejo, deverá ser executado o reboco, com acabamento em desempenadeira de feltro ou espuma e espessura máxima de 3mm. A cura é de no mínimo 30 dias. Na área dos sanitários será executado revestimento com cerâmica lisa até o teto, na cor branca, brilhante. Os azulejos serão batidos até a perfeita acomodação, de forma a não ficarem ocos ou desnivelados com os demais do painel. O rejuntamento será após 72 horas após assentamento. A colagem dos azulejos deverá ser feita com argamassa colante do tipo industrializada e o rejunte com cimento branco, com juntas a prumo espessura 1,5mm, aplicados com espátula apropriada. 12- PISOS Toda a área destinada a receber piso deverá estar obrigatoriamente livre de impurezas, nivelado e deverá ser apiloado manualmente com maço de 30 kg. O solo deverá estar nem com excesso, nem com umidade abaixo do normal. Antes da execução de contrapiso, deverão ser previstas uma camada de brita ou de concreto magro E=5,0cm sobre o aterro. A espessura do contrapiso deverá ser de no mínimo 5,0cm e para a sua execução deverá ser utilizado taliscas e guias previamente niveladas. Deve-se marcar a altura do contrapiso com auxilio de trenas e prever a inclinação do piso caso haja a existência de ralos. Para a regularização da base de concreto, deverá ser umedecida para então ser aplicada a camada de regularização com argamassa de cimento e areia grossa no traço 1:3, com no mínimo 2,5cm de espessura. Esta camada deverá ser sarrafeada com uma régua de madeira e adensada de forma a resultar uma superfície áspera e nivelada para posterior aplicação de piso cerâmico. As calçadas que entornam a fachada da área ampliada deverão ser em cimentado, regularizado com juntas de dilatação na largura de 1,5m conforme o projeto. O piso em placas cerâmicas esmaltadas serão aplicados sobre argamassa de regularização, de 30x30cm a 45x45cm, antiderrapante, com índice de resistência à abrasão PEI 4 ou 5, assentado com argamassa colante industrializada e rejuntado após 72 horas com argamassa industrializada para rejunte, as juntas deverão ser de 5 até 10 mm. Os rodapés deverá ser acompanhando o mesmo padrão e acabamento dos pisos, altura de 7,0cm. O rejuntamento será executado com argamassa industrializada para rejunte, juntas de 3 até 5 mm. Serão instaladas soleiras e peitoris sob todos os vãos em granito cinza andorinha com e=2cm assentados em argamassa colante apropriada. Será instalado Carpete em nylon linha alto tráfego na área do plenário e auditório em substituição ao carpete original, nas cores descritas em projeto com fechamento em cordão de nylon na mesma cor do carpete, assentados com cola branca conforme especificações do fabricante. 13-FORRO Será instalado forro em gesso acartonado fixo inclusive com estruturas de fixação metálica e arremates na área do plenário e auditório.

9 9 14-PINTURA Está prevista a pintura em tinta acrílica de toda a área da ampliação, platibandas e nas áreas onde forem executados serviços que alterem o perfil de pintura das paredes. As superfícies a serem pintadas deverão estar secas e isentas de impurezas do tipo mofo ou bolor. Serão lixadas, limpas e preparadas para o tipo de pintura a que se destinem. As superfícies só poderão ser pintadas quando perfeitamente secas, lixadas, seladas e emassadas. Cada demão de tinta só poderá ser aplicada quando a precedente estiver perfeitamente seca, respeitando um intervalo mínimo de 24 horas entre duas demãos sucessivas. Igual cuidado deverá haver entre as demãos de massa e tinta, sendo pelo menos de 48 horas, neste caso, o intervalo recomendado. As alvenarias deverão ser emassadas e pintadas com tinta acrílica na cor definida pelo projeto. As portas em madeira devem ser lixadas e pintas sem emassamento com tinta esmalte própria para madeiras em no mínimo duas demãos. Para superfícies metálicas (portas e janelas) deverá ser feita a limpeza, aplicado fundo antiferruginoso e aplicadas 2 ou 3 demãos de tinta esmalte sintético, com acabamento acetinado ou brilhante. Nas esquadrias em geral, deverão ser protegidos com papel colante os espelhos, fechos, rosetas, puxadores, antes dos serviços de pintura. 15- VIDROS Serão colocados vidros comum incolor de 4mm assentados com massa tipo de vidraceiro (à base de óleo de linhaça) ou plástica (sintética). Os vidros deverão ser planos, isentos de bolhas, ondulações e ranhuras. Não deverá em hipótese alguma existir o contato direto do vidro com o caixilho ou a estrutura da obra. 16- SERVIÇOS EXTERNOS Deverá ser executada pavimentação em mosaico português assentado sob base de areia de 5cm no corredor de ligação a sala de recepção, nos padrões da pavimentação já existente no local. As áreas em que houve necessidade de escavação e remoção de grama devem ser cobertas com grama tipo esmeralda plantadas em berço de terra vermelha limpa, onde serão acomodadas as placas e, posteriormente, devem ser batidas de forma manual com soquete de madeira, e irrigada com água nos primeiros dias para garantir a pega da raiz da grama. 17- SERVIÇOS FINAIS Deverá ser instalada plataforma elevatória de acesso a portadores de necessidades especiais com elevação máxima de 2mt e percurso até 1mt de altura para 1 cadeirante e um apoio, em frente ao palanque na sala do plenário. As escadarias do prédio ampliado devem receber corrimão com guarda corpo tubular com altura de 1,30mt em tubos galvanizados soldados e pintura de proteção. Os entulhos provenientes das demolições, retiradas e limpeza da obra devem ser acomodados em caçamba de 6m³ e encaminhados para o depósito municipal de materiais inertes. A limpeza dos vidros pode ser feita com água e sabão neutro. O uso de solventes, detergentes deve ser restrito a fim de evitar danos em superfícies ou peças. Deve ser verificado o uso correto dos saponáceos, escovas e buchas que podem riscar a superfície. Deve ser feita a limpeza dos pisos e azulejos com água, sabão neutro e quando necessário ácido múriático, evitando-se fazer uso deste quando de peças estampadas ou coloridas. As limpezas das obras deverão ser de forma manual com auxílio de mangueira de água, vassouras e panos, com todo o cuidado para não se usar produtos que danifiquem os acabamentos de registros, pisos ou pinturas.

ÁREA TOTAL TERRENO: 325,00m² ÁREA TOTAL CASA: 48,00m² ÁREA DE INFILTRAÇÃO: 65,00m² ITEM ESPECIFICAÇÕES DOS SERVIÇOS

ÁREA TOTAL TERRENO: 325,00m² ÁREA TOTAL CASA: 48,00m² ÁREA DE INFILTRAÇÃO: 65,00m² ITEM ESPECIFICAÇÕES DOS SERVIÇOS 1 1.1 INSTALAÇÃO DO CANTEIRO DE OBRA Abrigo provisório de madeira executada na obra para alojamento e depósitos de materiais e ferramentas 01520.8.1.1 m² 7,50 1.2 Ligação provisória de água para a obra

Leia mais

ÁREA TOTAL CASA: 67,50m² ÁREA DE INFILTRAÇÃO: 80,20m² ITEM ESPECIFICAÇÕES DOS SERVIÇOS

ÁREA TOTAL CASA: 67,50m² ÁREA DE INFILTRAÇÃO: 80,20m² ITEM ESPECIFICAÇÕES DOS SERVIÇOS ENDEREÇO: Rua nº 01 - Loteamento Maria Laura ÁREA TOTAL CASA: 67,50m² 1 INSTALAÇÃO DO CANTEIRO DE OBRA 1.1 Abrigo provisório de madeira executada na obra para alojamento e depósitos de materiais e ferramentas

Leia mais

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA DATA agosto/2013 1.0 SERVIÇOS PRELIMINARES 1.2 74209/001 Aquisição e assentamento de placas de obra em aço galvanizado. Abrigo Provisorio de madeira executado na obra para m² 6,00 157,35 944,10 1.3 01520.8.1.1

Leia mais

Estado do Rio Grande do Sul Municipio de Venâncio Aires

Estado do Rio Grande do Sul Municipio de Venâncio Aires MEMORIAL DESCRITIVO Obra: OBRAS CIVIS, REFORMA E INSTALAÇÕES - PMAT PAVIMENTO TÉRREO E SUPERIOR DA PREFEITURA MUNICIPAL Local: Rua Osvaldo Aranha-nº 634 Venâncio Aires EXECUÇÃO E SERVIÇOS A execução dos

Leia mais

PROJETO BÁSICO DE CONSTRUÇÃO DE ESCRITÓRIO EM ARIQUEMES/RO.

PROJETO BÁSICO DE CONSTRUÇÃO DE ESCRITÓRIO EM ARIQUEMES/RO. UNID. QUANT. UNITÁRIO TOTAL CÓD. DEOSP 1. SERVIÇOS PRELIMINARES 1.1 1.2 Aquisição e assentamento de placas de obras pronta de 3,00 x 2,00 m, conforme modelo. Barracão de obra em chapa de madeira compensada

Leia mais

PLANILHA DE SERVIÇOS GERAIS DE OBRA

PLANILHA DE SERVIÇOS GERAIS DE OBRA 1 PRELIMINARES 1.1 Instalações do canteiro de obra vb 1,00 5.000,00 5.000,00 90,09 1.2 Placa de obra 2,00m x 3,00m, conforme orietações da administração vb 1,00 550,00 550,00 9,91 SUB TOTAL PRELIMINARES

Leia mais

2. INSTALAÇÕES PROVISÓRIAS

2. INSTALAÇÕES PROVISÓRIAS MEMORIAL DESCRITIVO Obra: Banheiros Públicos Rincão do Segredo Local: Rua Carlos Massman - Rincão do Segredo Alm. Tam. do Sul-RS Proprietário: Município de Almirante Tamandaré do Sul / RS 1. O presente

Leia mais

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE A FOME SECRETARIA NACIONAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE A FOME SECRETARIA NACIONAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL MEMÓRIA DE CÁLCULO Objeto: CENTRO DE REFERÊNCIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL Proprietário: Endereço: Área da Edificação: 165,30 M² Pavimento: térreo Área do Terreno: 450,00 M² INTRODUÇÃO Este documento técnico

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE IPATINGA

CÂMARA MUNICIPAL DE IPATINGA CÂMARA MUNICIPAL DE IPATINGA REFORMA DO PRÉDIO DA CÂMARA MUNICIPAL DE IPATINGA MEMORIAL TÉCNICO DESCRITIVO Introdução O presente memorial descritivo tem por finalidade definir os trabalhos de Reforma Câmara

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO. 2.0 - Calçadas Externas/rampa/escada:

MEMORIAL DESCRITIVO. 2.0 - Calçadas Externas/rampa/escada: PROJETO Nº 051/2013 Solicitação: Memorial Descritivo Tipo da Obra: Reforma, ampliação e adequação acesso Posto de Saúde Santa Rita Área existente: 146,95 m² Área ampliar: 7,00 m² Área calçadas e passeio:

Leia mais

Obra: Ampliação Câmara de Vereadores Local : VRS- 801 Almirante Tamandaré do Sul - RS Proprietário: Prefeitura Municipal de Almirante Tamandaré do Sul

Obra: Ampliação Câmara de Vereadores Local : VRS- 801 Almirante Tamandaré do Sul - RS Proprietário: Prefeitura Municipal de Almirante Tamandaré do Sul MEMORIAL DESCRITIVO Obra: Ampliação Câmara de Vereadores Local : VRS- 801 Almirante Tamandaré do Sul - RS Proprietário: Prefeitura Municipal de Almirante Tamandaré do Sul 1. O presente memorial tem por

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ÂNGELO MEMORIAL DESCRITIVO

PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ÂNGELO MEMORIAL DESCRITIVO PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ÂNGELO MEMORIAL DESCRITIVO Ampliação E.M.E.I. Manoel dos Santos Ribeiro Bairro José Alcebíades de Oliveira GENERALIDADES Execução por Empreitada Global O presente memorial

Leia mais

MUNICÍPIO DE ILHA COMPRIDA

MUNICÍPIO DE ILHA COMPRIDA MEMORIAL DESCRITIVO OBRA: REFORMA, ADEQUAÇÃO E AMPLIAÇÃO DA CRECHE CRIANÇA FELIZ LOCAL: BALNEÁRIO ICARAÍ DE IGUAPE 1. Descrição As adequações e ampliações da Creche Criança feliz visam melhorar o atendimento

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO. Obra: Reforma da Câmara Municipal de Conchas 2ª Fase

MEMORIAL DESCRITIVO. Obra: Reforma da Câmara Municipal de Conchas 2ª Fase MEMORIAL DESCRITIVO Obra: Reforma da Câmara Municipal de Conchas 2ª Fase Este Memorial Descritivo tem por finalidade especificar os materiais e serviços a serem executados na REFORMA DA CÂMARA MUNICIPAL

Leia mais

EMBRAPA - EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA MELHORIAS NA INFRAESTRUTURA DA EMBRAPA ALGODÃO. Item Discriminação 15 30 45 60 75 90

EMBRAPA - EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA MELHORIAS NA INFRAESTRUTURA DA EMBRAPA ALGODÃO. Item Discriminação 15 30 45 60 75 90 EMBRAPA - EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA MELHORIAS NA INFRAESTRUTURA DA EMBRAPA ALGODÃO Item Discriminação 15 30 45 60 75 90 1 SERVIÇOS GERAIS 1.1 ADMINISTRAÇÃO PROJETOS COMPLEMENTARES e "as

Leia mais

Planilha Orçamentária

Planilha Orçamentária Ministério da Educação Obra: Proinfância - Espaço Educativo Infantil Tipo C BDI adotado Município: SALTO DO CÉU-MT 25% Endereço: Avenida Governador Pedro Pedrossian s/n Planilha Orçamentária ITEM DESCRIÇÃO

Leia mais

FUNDAÇÃO PROFESSOR MARTINIANO FERNANDES- IMIP HOSPITALAR - HOSPITAL DOM MALAN

FUNDAÇÃO PROFESSOR MARTINIANO FERNANDES- IMIP HOSPITALAR - HOSPITAL DOM MALAN 25% 1.0 SERVIÇOS PRELIMINARES R$ 12.734,82 1.1 COTAÇÃO MOBILIZAÇÃO DE EQUIPAMENTOS, FERRAMENTAS E PESSOAL. M² 200,00 2,57 3,21 642,50 1.2 74220/001 TAPUME DE CHAPA DE MADEIRA COMPENSADA, E= 6MM, COM PINTURA

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA OBRA.

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA OBRA. INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE DEPARTAM ENTO DE ENGENHARIA E INFRAESTRUTURA BR 406 - Km 73 n 3500 Perímetro Rural do Município de João Câmara / RN, CEP: 59550-000

Leia mais

Estado de Santa Catarina Prefeitura de São Cristóvão do Sul Secretaria Municipal de Obras Departamento Engenharia

Estado de Santa Catarina Prefeitura de São Cristóvão do Sul Secretaria Municipal de Obras Departamento Engenharia ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS 1 ARQUITETURA 1.1 VEDAÇÕES 1.1.1 Alvenaria de Blocos Cerâmicos Tipo: 10x20x20 Aplicação: todas as Paredes internas e externas 1.2 ESQUADRIAS 1.2.1 Porta de madeira Compensada As

Leia mais

Prefeitura Municipal de Piratini

Prefeitura Municipal de Piratini MEMORIAL DESCRITIVO O presente Memorial Descritivo visa estabelecer as condições de materiais e execução referentes à construção de um Vestiário Esportivo, localizado na Av. 6 de julho s/n, em Piratini/RS,

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE BOMBINHAS. Relatório Técnico. REFORMA DA SECRETARIA DE TURISMO DE BOMBINHAS ÁREA TOTAL: 291,20 m²

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE BOMBINHAS. Relatório Técnico. REFORMA DA SECRETARIA DE TURISMO DE BOMBINHAS ÁREA TOTAL: 291,20 m² Relatório Técnico REFORMA DA SECRETARIA DE TURISMO DE BOMBINHAS ÁREA TOTAL: 291,20 m² Av. Leopoldo Zarling Bairro Bombas Município de Bombinhas - SC PROJETO: AMFRI Associação dos Municípios da Região da

Leia mais

E S T A D O D O M A T O G R O S S O. Prefeitura Municipal de Jaciara

E S T A D O D O M A T O G R O S S O. Prefeitura Municipal de Jaciara MEMORIAL DESCRITIVO REDE CEGONHA - HOSPITAL MUNICIPAL JACIARA/MT O presente memorial descritivo define diretrizes referentes à reforma do espaço destinado a Programa REDE CEGONHA no Hospital Municipal

Leia mais

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME SECRETARIA NACIONAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME SECRETARIA NACIONAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME MEMÓRIA DE CÁLCULO Objeto: Centro de Referência de Assistência Social CRAS Proprietário: Endereço: Área da Edificação: 165,30 m² Pavimento: Térreo

Leia mais

OBRA: PROJETO BÁSICO COORDENADORIA ESTADUAL DE INFRAESTRUTURA/PAC

OBRA: PROJETO BÁSICO COORDENADORIA ESTADUAL DE INFRAESTRUTURA/PAC DESCRIÇÃO DO SERVIÇO UNID. OBRA: PROJETO BÁSICO COORDENADORIA ESTADUAL DE INFRAESTRUTURA/PAC SERVIÇOS PRELIMINARES 1.1 CANTEIRO DE OBRA E REQUISITOS GERAIS S73992/001 C 1.1.1 Locação da obra m² 192,65

Leia mais

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA 1.0 SERVIÇOS PRELIMINARES 1.1 Limpeza do Canteiro de Obras. 1,00 vb 1.2 Locação da Obra. 236,69 m² 1.3 Licenças e Taxas. 1,00 vb 1.4 Projeto Arquitetônico. 1,00 vb 1.5 Projeto Estrutural. 1,00 vb 1.6 Projeto

Leia mais

ITEM DISCRIMINAÇÃO DOS SERVIÇOS UNID. 1.00 SERVIÇOS PRELIMINARES 1.01 PLACA DE OBRA EM CHAPA DE ACO GALVANIZADO M2 6,00

ITEM DISCRIMINAÇÃO DOS SERVIÇOS UNID. 1.00 SERVIÇOS PRELIMINARES 1.01 PLACA DE OBRA EM CHAPA DE ACO GALVANIZADO M2 6,00 MEMORIAL DE CÁLCULO OBRA: AMPLIAÇÃO DA UNIDADE DE ATENDIMENTO NO DISTRITO DE RIO BRANCO LOCAL: ZONA RURAL, DISTRITO DE RIO BRANCO ÁREA: 77,05M² ITEM DISCRIMINAÇÃO DOS SERVIÇOS UNID. QUANT. 1.00 SERVIÇOS

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO DE ARQUITETURA REFORMA E AMPLIAÇÃO / OBRA INSTITUCIONAL EM ALVENARIA, FORRO DE GESSO E COBERTURA EM TELHA METÁLICA.

MEMORIAL DESCRITIVO DE ARQUITETURA REFORMA E AMPLIAÇÃO / OBRA INSTITUCIONAL EM ALVENARIA, FORRO DE GESSO E COBERTURA EM TELHA METÁLICA. MEMORIAL DESCRITIVO DE ARQUITETURA REFORMA E AMPLIAÇÃO / OBRA INSTITUCIONAL EM ALVENARIA, FORRO DE GESSO E COBERTURA EM TELHA METÁLICA. Dados da Obra: Endereço da obra: Rua Amazonas, nº512, Centro. Parte

Leia mais

GINÁSIO ESPORTIVO DA COMUNIDADE RIO BONITO ALTO - PONTÃO - RS

GINÁSIO ESPORTIVO DA COMUNIDADE RIO BONITO ALTO - PONTÃO - RS MEMORIAL DESCRITIVO Obra: GINÁSIO ESPORTIVO DA COMUNIDADE RIO BONITO ALTO - PONTÃO - RS Área: 488,50 m² Local: Comunidade de Rio Bonito Alto Bairro: Rio Bonito Alto Cidade: Pontão - RS Proprietário: Comunidade

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA DEPARTAMENTO ESTADUAL DE TRÂNSITO MEMORIAL DESCRITIVO 40ª CIRETRAN PRÉDIO-SEDE

ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA DEPARTAMENTO ESTADUAL DE TRÂNSITO MEMORIAL DESCRITIVO 40ª CIRETRAN PRÉDIO-SEDE MEMORIAL DESCRITIVO 40ª CIRETRAN PRÉDIO-SEDE Local: Município: Área Estim.: 271,18 m² Av. Cascavel, Quadra 39, Lote 14, Bairro Primavera II Primavera do Leste MT SETEMBRO / 2008 SUMÁRIO 1 INFORMAÇÕES GERAIS:

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO INSTALAÇÃO DE VOLUME DE CAIXA D'ÁGUA NA CASA DE PASSAGEM DO MUNICÍPIO DE CAÇADOR

MEMORIAL DESCRITIVO INSTALAÇÃO DE VOLUME DE CAIXA D'ÁGUA NA CASA DE PASSAGEM DO MUNICÍPIO DE CAÇADOR MEMORIAL DESCRITIVO INSTALAÇÃO DE VOLUME DE CAIXA D'ÁGUA NA CASA DE PASSAGEM DO MUNICÍPIO DE CAÇADOR 1 SUMÁRIO SUMÁRIO 2 MEMORIAL DESCRITIVO 3 I. DADOS FÍSICOS LEGAIS 3 II. DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 3 III.

Leia mais

Veja os custos detalhados dessa obra com aproximadamente 450 m². Recepção Esterilização Assepsia. Lixo. Despensa Ambulatório Farmácia Consultório

Veja os custos detalhados dessa obra com aproximadamente 450 m². Recepção Esterilização Assepsia. Lixo. Despensa Ambulatório Farmácia Consultório Clínica veterinária Veja os custos detalhados dessa obra com aproximadamente 450 m² Corte AA B Recepção Esterilização Assepsia Sala de curativos Lavanderia Canil Corte BB A Lavagem Sala de espera Jardim

Leia mais

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA PLANILHA ORÇAMENTÁRIA 1.0 SERVIÇOS PRELIMINARES 7.992,27 1.1 74209/001 PLACA DE OBRA EM CHAPA DE ACO GALVANIZADO m2 3,91 289,92 1.133,59 1.2 73899/002 DEMOLICAO DE ALVENARIA DE TIJOLOS FURADOS S/REAPROVEITAMENTO

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO. Objeto: Ampliação e Reforma Escola Municipal Maria Cassiano Município: Bom Jesus de Goiás - GO Elaborado em: Junho de 2015

MEMORIAL DESCRITIVO. Objeto: Ampliação e Reforma Escola Municipal Maria Cassiano Município: Bom Jesus de Goiás - GO Elaborado em: Junho de 2015 MEMORIAL DESCRITIVO Objeto: Ampliação e Reforma Escola Municipal Maria Cassiano Município: Bom Jesus de Goiás - GO Elaborado em: Junho de 2015 1. DESCRIÇÃO DA OBRA As presentes especificações, bem como

Leia mais

PROJETO BÁSICO. Especificação Destinada a Construção de Almoxarifado

PROJETO BÁSICO. Especificação Destinada a Construção de Almoxarifado PROJETO BÁSICO Especificação Destinada a Construção de Almoxarifado INTRODUÇÃO A execução dos serviços referente Construção de Prédio para Almoxarifado, obedecerá as Especificações, e seus Anexos, aos

Leia mais

IFES/CAMPUS DE ALEGRE - ES PROJETO BÁSICO

IFES/CAMPUS DE ALEGRE - ES PROJETO BÁSICO IFES/CAMPUS DE ALEGRE - ES PROJETO BÁSICO Especificação Destinada Construção do Núcleo de Empresas Junior INTRODUÇÃO A execução dos serviços referente Construção do Núcleo de Empresas Junior, obedecerá

Leia mais

3.2. VIGAS BALDRAME R$ 0,00 0,00 Forma plana chapa compensada plastificada, esp.= 3.2.1. 12mm util. 5x

3.2. VIGAS BALDRAME R$ 0,00 0,00 Forma plana chapa compensada plastificada, esp.= 3.2.1. 12mm util. 5x PLANILHA ORÇAMENTÁRIA UF: RS MUNICÍPIO: SÃO MIGUEL DAS MISSÕES Descrição do item Un de Valor Quant 1. SERVIÇOS PRELIMINARES Medida Unitário Total % 1.1. Abrigo provisório para alojamento e depósito m²

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE ÁGUA E ESGOTOS Mod.: 00.76 Folha Timbrada Revisão 01 Mar/2011

PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE ÁGUA E ESGOTOS Mod.: 00.76 Folha Timbrada Revisão 01 Mar/2011 ORÇAMENTO C/BDI Itens Descrição dos Serviços Unid. Quant. 1. DEMOLIÇÕES Preço Unitário R$ Preço Total R$ 1.1 De paredes de tijolos m³ 20 60,66 1.213,20 1.2 De alvenaria de pedra m³ 5 70,16 350,80 1.3 De

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO E ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS PARA AS OBRAS DE REFORMA DO GINÁSIO POLIESPORTIVO LOIOLA PASSARINHO E CONSTRUÇÃO DO ANEXO.

MEMORIAL DESCRITIVO E ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS PARA AS OBRAS DE REFORMA DO GINÁSIO POLIESPORTIVO LOIOLA PASSARINHO E CONSTRUÇÃO DO ANEXO. SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO CASTANHAL (PA) MEMORIAL DESCRITIVO E ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS PARA AS OBRAS DE REFORMA DO GINÁSIO POLIESPORTIVO LOIOLA PASSARINHO E CONSTRUÇÃO DO ANEXO. ABRIL/2014 REFORMA

Leia mais

Escola de Educação Infantil

Escola de Educação Infantil Escola de Educação Infantil Veja os custos detalhados dessa obra com aproximadamente 300 m² A Características Pátio coberto Refeitório Pátio descoberto minimaternal Térreo Cozinha A Pátio coberto Pátio

Leia mais

Obra: Ampliação da E.M.E.I. Pequeno Polegar Endereço: Rua Pinheiro Machado, nº 568 - Não-Me-Toque/RS Área: 259,35 m² ÍTEM DISCRIMINAÇÃO CUSTO UNITÁRIO CUSTO CUSTO TOTAL UNID QUANT TOTAL Material MO UNITÁRIO

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO O

MEMORIAL DESCRITIVO O MEMORIAL DESCRITIVO O presente memorial tem por objetivo estabelecer requisitos técnicos, definir materiais e padronizar os projetos e execuções da obra localizada na Rua Jorge Marcelino Coelho, s/n, Bairro

Leia mais

CONSTRUÇÃO - BLOCO DE PESQUISADORES - PAVIMENTO TÉRREO

CONSTRUÇÃO - BLOCO DE PESQUISADORES - PAVIMENTO TÉRREO ANEXO XII PLANILHA ORÇAMENTÁRIA PLANILHA DE ORÇAMENTO UNIDADE: Embrapa Algodão Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária- Embrapa Coordenadoria de Engenharia e Arquitetura-CEN/DRM OBRA: AMPLIAÇÃO DOS

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAÇADOR SECRETARIA MUNICPAL DE EDUCAÇÃO MEMORIAL DESCRITIVO

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAÇADOR SECRETARIA MUNICPAL DE EDUCAÇÃO MEMORIAL DESCRITIVO MEMORIAL DESCRITIVO OBRA: REFORMA DA ESCOLA ALCIDES TOMBINI LOCALIZAÇÃO: Rua Augusto Driessen Bairro: Sorgatto 1. DEMOLIÇÕES Todas as paredes internas dos banheiros deverão ser demolidas. Todo o revestimento

Leia mais

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA Item Descrição dos serviços MÃO DE 1. SERVIÇOS PRELIMINARES 1. 1 SONDAGEM 1. 1. 1 SONDAGEM DE RECONHECIMENTO DO SUBSOLO COM TUBO DE REVESTIMENTO DIÂMETRO 21/2 M 42,00 - - - 43,50 43,50 1.827,00 TOTAL ITEM

Leia mais

Planilha de Orçamento GLOBAL

Planilha de Orçamento GLOBAL Prefeitura Municipal de 1. SERVIÇOS INICIAIS.1 DEMOLICAO ESTRUTURA DE MADEIRA DE TELHADO.2 DEMOLICAO DE ALVENARIA DE TIJOLOS MACICOS (E=15CM).3 DEMOLICAO DE PISO DE TABUAS CORRIDAS.4 RETIRADA DE ESQUADRIAS.5

Leia mais

Prefeitura Municipal de Dumont

Prefeitura Municipal de Dumont TOMADA DE PREÇOS Nº. 009/2015 MEMORIAL DESCRITIVO OBRA: Reparos, Implantação de Banheiro para Acessibilidade e Pintura Geral. LOCAL: Avenida 21 de março nº 2.104 - Escola Profª Wilma M Lorenzato Bredarioli

Leia mais

-, - SÃO JOSÉ DA LAPA-MG

-, - SÃO JOSÉ DA LAPA-MG .0.002.003.004 02 02.0 02.002 02.003 02.004 02.005 03 03.0 03.002 03.003 03.004 PRELIMINARES 2,91 5.187,89 Placa de obra em lona com impressão digital, instalada 0,23 402,57 Limpeza manual de terreno com

Leia mais

Residencial Recanto do Horizonte

Residencial Recanto do Horizonte MEMORIAL DESCRITIVO Residencial Recanto do Horizonte FUNDAÇÃO E ESTRUTURA As Fundações serão executadas de acordo com o projeto estrutural, elaborado de acordo com as normas técnicas pertinentes e baseadas

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE OSASCO SECRETARIA DE OBRAS E TRANSPORTES DEPARTAMENTO DE OBRAS PÚBLICAS ALBERGUE ROCHDALE

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE OSASCO SECRETARIA DE OBRAS E TRANSPORTES DEPARTAMENTO DE OBRAS PÚBLICAS ALBERGUE ROCHDALE ALBERGUE ROCHDALE RUA BELO HORIZONTE, 85 - ROCHDALE 1 1. CONSIDERAÇÕES GERAIS O presente Memorial tem por objetivo estabelecer as condições técnicas essenciais, no que tange a materiais, serviços e instalações

Leia mais

PROJETO PARA FECHAMENTO DE QUADRA DE ESPORTES E.E.B MARIA DO ROSÁRIO

PROJETO PARA FECHAMENTO DE QUADRA DE ESPORTES E.E.B MARIA DO ROSÁRIO PROJETO PARA FECHAMENTO DE QUADRA DE ESPORTES E.E.B MARIA DO ROSÁRIO MONTE CARLO SC JULHO DE 2015 Fazem parte deste projeto: - Projeto Arquitetônico e Detalhes. - Memorial Descritivo. - Orçamento, Cronograma.

Leia mais

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA OBRA.

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DA OBRA. INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE DEPARTAM ENTO DE ENGENHARIA E INFRAESTRUTURA BR 406 - Km 73 n 3500 Perímetro Rural do Município de João Câmara / RN, CEP: 59550-000

Leia mais

Veja os custos detalhados dessa obra de aproximadamente 470 m²

Veja os custos detalhados dessa obra de aproximadamente 470 m² Casa de alto padrão Veja os custos detalhados dessa obra de aproximadamente 470 m² Características empreendimento > Área construída de 471,37 m² > Terreno com 1.1690 m² de área > Residência assobradada,

Leia mais

ANEXO XII PLANILHA ORÇAMENTÁRIA. Planilha Orçamentária

ANEXO XII PLANILHA ORÇAMENTÁRIA. Planilha Orçamentária ANEXO XII PLANILHA ORÇAMENTÁRIA Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária- Embrapa Coordenadoria de Engenharia e Arquitetura-CEN/DRM PLANILHA DE ORÇAMENTO UNIDADE: Embrapa Algodão OBRA: REFORMA DO LABORATÓRIO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ESTAÇÃO. Planilha Orçamentária ITEM DESCRIÇÃO DOS SERVIÇOS UNID. QUANT. PR. UNIT.(R$) VALOR (R$)

PREFEITURA MUNICIPAL DE ESTAÇÃO. Planilha Orçamentária ITEM DESCRIÇÃO DOS SERVIÇOS UNID. QUANT. PR. UNIT.(R$) VALOR (R$) 1.0 1.1 Placa de obra em chapa de aço galvanizado m² 1,00 245,51 245,51 1.2 Locação da obra através de gabarito de tábuas corridas pontaletadas m² 52,00 5,80 301,60 1.3 Ligação provisória de energia elétrica

Leia mais

Estado do Rio Grande do Sul PREFEITURA MUNICIPAL DE ALMIRANTE TAMANDARÉ DO SUL Departamento de Engenharia MEMORIAL DESCRITIVO TÉCNICO

Estado do Rio Grande do Sul PREFEITURA MUNICIPAL DE ALMIRANTE TAMANDARÉ DO SUL Departamento de Engenharia MEMORIAL DESCRITIVO TÉCNICO MEMORIAL DESCRITIVO TÉCNICO OBRA: CONSTRUÇÃO DE PAVILHÃO PRÉ-MOLDADO ÁREA: Cobertura e Fechamento de 1.200,00m² e Ampliação de 300,00m² e 146,40m² ( Varandas ) - 2ª ETAPA LOCAL: BR-386 Distrito de Rincão

Leia mais

ORÇAMENTO ART/RRT Nº: RRT 0000001244017 BDI já incluso no orçamento: 26% 26 Tomador: MUNICIPIO DE PALMITAL - PR

ORÇAMENTO ART/RRT Nº: RRT 0000001244017 BDI já incluso no orçamento: 26% 26 Tomador: MUNICIPIO DE PALMITAL - PR 1 SERVIÇOS PRELIMINARES 5.108,23 1.1 Abrigo provisório c/ pavimento para alojamento e depósito m² 12,00 133,05 1.596,60 74209/1 1.2 Placa da obra - padrão governo federal m² 3,00 205,83 617,49 74210/1

Leia mais

PLANILHA - REFORMA FAZENDA NHUMIRIM - TP Nº 001.2007.xls. Página 1 de 18

PLANILHA - REFORMA FAZENDA NHUMIRIM - TP Nº 001.2007.xls. Página 1 de 18 Obra: EMBRAPA - EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA OBRAS NA FAZENDA NHUMIRIM Data: JULHO DE 2.007 Local: KM 90 ESTRADA PORTO DA MANGA - FAZENDA NHUMIRIM AMPLIAÇÃO DO ALOJAMENTO MAT. M.O 1 INSTALAÇÃO

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO. Praça Governador Pedro de Toledo - Centro - Itapuí/SP

MEMORIAL DESCRITIVO. Praça Governador Pedro de Toledo - Centro - Itapuí/SP MEMORIAL DESCRITIVO PROPRIETÁRIO OBRA REFERÊNCIA LOCAL Município de Itapuí Praça Central Reforma Praça Governador Pedro de Toledo - Centro - Itapuí/SP O presente memorial descritivo tem por finalidade

Leia mais

CADERNO DE ESPECIFICAÇÕES GLOBAIS DE SERVIÇOS E MATERIAIS REFORMA E ADAPATAÇÃO DO PRÉDIO DA ANTIGA CPFL - GRADUAÇÃO

CADERNO DE ESPECIFICAÇÕES GLOBAIS DE SERVIÇOS E MATERIAIS REFORMA E ADAPATAÇÃO DO PRÉDIO DA ANTIGA CPFL - GRADUAÇÃO CADERNO DE ESPECIFICAÇÕES GLOBAIS DE SERVIÇOS E MATERIAIS REFORMA E ADAPATAÇÃO DO PRÉDIO DA ANTIGA CPFL - GRADUAÇÃO INSTITUTO UNI-FAMEMA / OSCIP Marília/SP ÍNDICE 1. PRELIMINARES. 2. DEMOLIÇÕES E RETIRADAS.

Leia mais

INSTALAÇÕES HIDRO-SANITÁRIAS

INSTALAÇÕES HIDRO-SANITÁRIAS INSTALAÇÕES HIDRO-SANITÁRIAS Prof. MSc. Eng. Eduardo Henrique da Cunha Engenharia Civil 8º Período Turmas C01, C02 e C03 Disc. Construção Civil II ESGOTO SANITÁRIO 1 Conjunto de tubulações, conexões e

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO CIVIL

MEMORIAL DESCRITIVO CIVIL MEMORIAL DESCRITIVO CIVIL I SERVIÇOS DE ENGENHARIA Constitui objeto do presente memorial descritivo uma edificação para abrigar segura e adequadamente equipamentos de rede estabilizada, Grupo Moto-gerador

Leia mais

2 Trabalhos Em Terra 2.1 Escavações manuais m³ 156,15 19,46 3.038,68 79517/1 15,57 2.2 Aterro compactado m³ 109,00 34,06 3.712,54 55.

2 Trabalhos Em Terra 2.1 Escavações manuais m³ 156,15 19,46 3.038,68 79517/1 15,57 2.2 Aterro compactado m³ 109,00 34,06 3.712,54 55. 1 Serviços Iniciais 1.1 Placa para obra m² 2,00 329,21 658,42 74209/1 263,37 1.2 Barracão de obra em chapa de mad. Compensada, telha 4 mm m² 24,00 173,43 4.162,32 74242/1 138,74 1.3 Locação da obra m²

Leia mais

Placa de obra: Haverá a colocação em local visível de placa de obra, metálica, fixada em estrutura de madeira, conforme padrão fornecido SOP.

Placa de obra: Haverá a colocação em local visível de placa de obra, metálica, fixada em estrutura de madeira, conforme padrão fornecido SOP. MEMORIAL DESCRITIVO RECONSTRUÇÃO DO ALBERGUE JUNTO AO PRESIDIO ESTADUAL DE VACARIA RS. VACARIA RS. GENERALIDADES: Este Memorial Descritivo tem a função de propiciar a perfeita compreensão do projeto e

Leia mais

DEPARTAMENTO DE PATRIMÔNIO IMOBILIÁRIO DPI.E AHE SANTO ANTÔNIO CADERNO DE VALORES

DEPARTAMENTO DE PATRIMÔNIO IMOBILIÁRIO DPI.E AHE SANTO ANTÔNIO CADERNO DE VALORES UNITÁRIOS PARA CONSTRUÇÕES GRUPO 02 - CANTEIRO DE OBRA E MATERIAIS BÁSICOS 02520822 Abertura manual de poço de água e outros, Ø 1,20 m, prof. acima de 2 m m 172,73 02520821 Abertura manual de poço de água

Leia mais

Planilha de Orçamento GLOBAL

Planilha de Orçamento GLOBAL Planilha de Orçamento GLOBAL 03/01/2014 Página 1 de 10 1. RECUPERAÇÃO DO TELHADO.1 RUFO PARA TELHA FIBROCIMENTO ONDULADA 146,00 M 23,38 1,53 3.413,48 223,38 3.636,86.2 CALHA BEIRAL CHAPA GALVANIZADA CORTE

Leia mais

ANEXO XII - MEMORIAL DESCRITIVO ARQUITETÔNICO

ANEXO XII - MEMORIAL DESCRITIVO ARQUITETÔNICO ANEXO XII - MEMORIAL DESCRITIVO ARQUITETÔNICO 4.1 APRESENTAÇÃO O presente memorial descritivo tem por finalidade determinar os detalhes de acabamento, tipo e a qualidade dos materiais a serem utilizados

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO PREFEITURA MUNICIPAL DE CATALÃO SECRETARIA DE 0BRAS 1.0 INTRODUÇÃO 2.0 DISPOSIÇÕES GERAIS

MEMORIAL DESCRITIVO PREFEITURA MUNICIPAL DE CATALÃO SECRETARIA DE 0BRAS 1.0 INTRODUÇÃO 2.0 DISPOSIÇÕES GERAIS MEMORIAL DESCRITIVO OBRA: Nova Instalação da SEMMAC LOCAL: Rua Dr. Lamartine Pinto de Avelar, 2338. Setor Ipanema. Catalão GO TIPO DE SERVIÇO: Reforma e Ampliação. 1.0 INTRODUÇÃO A finalidade do presente

Leia mais

Recuperação de área destinada ao complexo administrativo da Coordenação de Logística, no Campus de Juazeiro.

Recuperação de área destinada ao complexo administrativo da Coordenação de Logística, no Campus de Juazeiro. PROJETO BÁSICO Recuperação de área destinada ao complexo administrativo da Coordenação de Logística, no Campus de Juazeiro. 1. IDENTIFICAÇÃO DO PROJETO 1.1 Título do Projeto Reforma e ampliação do galpão

Leia mais

VARA DA VIOLÊNCIA DOMÉSTICA PLANILHA DE ORÇAMENTO

VARA DA VIOLÊNCIA DOMÉSTICA PLANILHA DE ORÇAMENTO OBRA: REFORMA DA 01. SERVIÇOS INICIAIS 86.825,78 01.01 COMP 01 ADMINISTRAÇÃO LOCAL DA OBRA (ACOMPANHAMENTO TÉCNICO E VIGILÂNCIA) MÊS 3,00 20.923,38 4.902,35 25.825,73 77.477,19 01.02 74209/001 PLACA DE

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE DOUTOR PEDRINHO Estado de Santa Catarina

PREFEITURA MUNICIPAL DE DOUTOR PEDRINHO Estado de Santa Catarina MEMORIAL DESCRITIVO E ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS Obra: AMPLIAÇÃO UNIDADE DE SAÚDE CENTRAL Local: Rua Santa Catarina, Centro Área de Ampliação: 161,82 m² Município: Doutor Pedrinho SC Data: Novembro / 2015

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO CAMARA DE VEREADORES DE ABELARDO LUZ - SC 1.- GENERALIDADES 1.1.- OBJETO

MEMORIAL DESCRITIVO CAMARA DE VEREADORES DE ABELARDO LUZ - SC 1.- GENERALIDADES 1.1.- OBJETO CAMARA DE VEREADORES DE ABELARDO LUZ - SC MEMORIAL DESCRITIVO 1.- GENERALIDADES 1.1.- OBJETO O presente Memorial Descritivo tem por finalidade estabelecer as condições que orientarão os serviços de construção,

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO. Construção Unidade Básica de Saúde PROPRIETÁRIO: PREFEITURA MUNICIPAL DE CACIQUE DOBLE.

MEMORIAL DESCRITIVO. Construção Unidade Básica de Saúde PROPRIETÁRIO: PREFEITURA MUNICIPAL DE CACIQUE DOBLE. MEMORIAL DESCRITIVO Construção Unidade Básica de Saúde TIPO DE CONSTRUÇÃO: Prédio em Alvenaria UBS Unidade Básica de Saúde da Sede do município. LOCAL: Rua Édimo Luiz Tonial na cidade de Cacique Doble

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO E ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS 2ª ETAPA

MEMORIAL DESCRITIVO E ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS 2ª ETAPA MEMORIAL DESCRITIVO E ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS 2ª ETAPA OBRA: 2ª ETAPA DO PAVILHÃO PRÉ-MOLDADO C/ MEZANINO. LOCAL: DERRUBADAS - RS GENERALIDADES: O presente memorial destina-se a descrever os serviços que

Leia mais

Blumenau, maio de 2010.

Blumenau, maio de 2010. INSTRUÇÕES PARA ELABORAÇÃO DE ORÇAMENTOS E CRONOGRAMAS Blumenau, maio de 2010. 1. RESUMO... 3 2. OBJETIVO... 3 3. INTRODUÇÃO... 3 4. COMPOSIÇÃO DO ORÇAMENTO... 4 4.1. SERVIÇOS PRELIMINARES/TÉCNICOS...

Leia mais

1 ANEXO XII - MEMORIAL DESCRITIVO ARQUITETÔNICO

1 ANEXO XII - MEMORIAL DESCRITIVO ARQUITETÔNICO 1 ANEXO XII - MEMORIAL DESCRITIVO ARQUITETÔNICO 4.1 APRESENTAÇÃO O presente MEMORIAL DESCRITIVO tem por finalidade determinar os detalhes de acabamento, tipo e a qualidade dos materiais a serem utilizados

Leia mais

Condomínio de casas. Veja os custos detalhados dessa obra com 1.220,70 m². Características

Condomínio de casas. Veja os custos detalhados dessa obra com 1.220,70 m². Características Condomínio de casas Veja os custos detalhados dessa obra com 1.220,70 m² Características Empreendimento > Área construída de 1.220,70 m² > Casas padrão médio com dois pavimentos > Casas localizadas em

Leia mais

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA BÁSICA E ESTIMATIVA

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA BÁSICA E ESTIMATIVA IVERSIDADE ESTADUAL DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DE ALAGOAS CISAL CONTRATANTE: IVERSIDADE ESTADUAL DE CIÊNCIAS DA SAÚDE DE ALAGOAS - CISAL FONTE DE CONSULTA DE PREÇOS ITÁRIOS: - AGO / 2013, AGO / 2013 E COMPOSIÇÕES

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO E ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DE MATERIAIS E SERVIÇOS.

MEMORIAL DESCRITIVO E ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS DE MATERIAIS E SERVIÇOS. EMPREENDIMENTO: CONSTRUÇÃO DE QUADRA POLIESPORTlVA COBERTA PROPONENTE: PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO LUIZ GONZAGA. ÁREA DA UNIDADE: 906,06 m². LOCAL: Rua Gen. Portinho, Qd. 196 Bairro Duque de Caxias São

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO. Residencial Nihal Rua Aragão Bozano, 131 Lotes 2, Quadra 57, Torres, RS

MEMORIAL DESCRITIVO. Residencial Nihal Rua Aragão Bozano, 131 Lotes 2, Quadra 57, Torres, RS MEMORIAL DESCRITIVO Residencial Nihal Rua Aragão Bozano, 131 Lotes 2, Quadra 57, Torres, RS 1. LOCALIZAÇÃO: O empreendimento localiza-se à Rua Aragão Bozano,131 Lotes 2, Quadra 57, Praia Grande, Torres/RS.

Leia mais

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA COM CUSTOS APURADOS PELO TJMG

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA COM CUSTOS APURADOS PELO TJMG TJMG COMARCA: ITAÚNA OBRA: REFORMA PARCIAL E ADAPTAÇÕES PARA ACESSIBILIDADE NO PRÉDIO DO FÓRUM DA COMARCA DE ITAÚNA ENDEREÇO: PRAÇA DOUTOR AUGUSTO GONÇALVES, 10 - CENTRO - ITAÚNA/MG DATA: OUTUBRO / 2012

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL MUNICÍPIO DE VENÂNCIO AIRES

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL MUNICÍPIO DE VENÂNCIO AIRES PROJETO ARQUITETÔNICO AMPLIAÇÃO/REFORMA DA EMEF CIDADE NOVA MEMORIAL DESCRITIVO, PLANILHA ORÇAMENTÁRIA E CRONOGRAMA FÍSICO-FINANCEIRO. MEMORIAL DESCRITIVO Ampliação da EMEF Cidade Nova 1. OBJETIVO: A presente

Leia mais

Setembro de 2014 / Montes Claros, MG

Setembro de 2014 / Montes Claros, MG MEMORIAL DESCRITIVO REFORMA - ESCOLA MUNICIPAL PROFESSORA SIMONE SOARES/ MONTES CLAROS-MG Setembro de 2014 / Montes Claros, MG SUMÁRIO 01. CONSIDERAÇÕES INICIAIS... 02 02. SERVIÇOS PRELIMINARES... 02 03.

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO. Construção de Galpão p/ Depósito de Ferramentas Prop.: Município de Mato Queimado Local: Av. Albino Welter Mato Queimado - RS

MEMORIAL DESCRITIVO. Construção de Galpão p/ Depósito de Ferramentas Prop.: Município de Mato Queimado Local: Av. Albino Welter Mato Queimado - RS MEMORIAL DESCRITIVO Construção de Galpão p/ Depósito de Ferramentas Prop.: Município de Mato Queimado Local: Av. Albino Welter Mato Queimado - RS 01 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS 1.1 SERVIÇOS INICIAIS: A presente

Leia mais

Município. Prefeitura Municipal de Santa Barbara - BA. Sexta-Feira - 13 de Abril de 2012 - Ano VII - N º 40

Município. Prefeitura Municipal de Santa Barbara - BA. Sexta-Feira - 13 de Abril de 2012 - Ano VII - N º 40 do Município Prefeitura Municipal de Santa Barbara - BA Sexta-Feira - - Ano VII - N º 40 PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTA BÁRBARA TOMADA DE PREÇOS Nº 01/2012 OBJETO: a execução de obras de reforma dos seguintes

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO DA OBRA (Versão resumida)

MEMORIAL DESCRITIVO DA OBRA (Versão resumida) MEMORIAL DESCRITIVO DA OBRA (Versão resumida) TAMANHO E DEPENDÊNCIAS DO IMÓVEL Definido com o Corretor de Imóveis da negociação em conjunto com nosso Escritório de Arquitetura parceiro: FRAN Arquitetura

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO DE OBRA PROJETO ARQUITETÔNICO MOTO TAXI RODOVIÁRIA

MEMORIAL DESCRITIVO DE OBRA PROJETO ARQUITETÔNICO MOTO TAXI RODOVIÁRIA MEMORIAL DESCRITIVO DE OBRA PROJETO ARQUITETÔNICO MOTO TAXI RODOVIÁRIA 1. OBJETIVO O presente memorial descritivo tem por objetivo estabelecer requisitos técnicos, definir materiais a utilizar e normatizar

Leia mais

Ministério da Educação Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação - FNDE Coordenação Geral de Infraestrutural Educacional CGEST

Ministério da Educação Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação - FNDE Coordenação Geral de Infraestrutural Educacional CGEST Ministério da Educação Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação - FNDE Coordenação Geral de Infraestrutural Educacional CGEST MEMORIAL DESCRITIVO PROJETO PADRÃO PARA QUADRA POLIESPORTIVA COBERTA COM

Leia mais

Planilha Orçamentária proposta pela "Irmandade Santa Casa de Misericórdia D. Zilda Salvagni"

Planilha Orçamentária proposta pela Irmandade Santa Casa de Misericórdia D. Zilda Salvagni Planilha Orçamentária proposta pela "Irmandade Santa Casa de Misericórdia D. Zilda Salvagni" Processo: 0369323-92/2011 - MINISTÉRIO DA SAÚDE Data do orçamento: 19/062013 Micípio: Taquaritinga/SP Mês do

Leia mais

MEMORIAL DE CÁLCULO UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE

MEMORIAL DE CÁLCULO UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE UNIDADE BÁSICA DE SAÚDE MANGUEIRA ITEM CÓDIGO FONTE ESPECIFICAÇÃO DOS SERVIÇOS. 1 SERP SERVIÇOS PRELIMINARES 0011 DEMOLIÇÃO DE ALVENARIA 1.1 72214 SINAPI-ES Demolicao de alvenaria estrutural de blocos

Leia mais

1.3 MÁQUINAS E FERRAMENTAS Serão fornecidos todos os equipamentos e ferramentas adequadas de modo a garantir o bom desempenho da obra.

1.3 MÁQUINAS E FERRAMENTAS Serão fornecidos todos os equipamentos e ferramentas adequadas de modo a garantir o bom desempenho da obra. MEMORIAL DESCRITIVO IDENTIFICAÇÃO: EDIFÍCIO SPAZIO DI ACÁCIA Proponente : Construtora Brum Ltda. Construtora : Construtora Brum Ltda. Empreendimento : Edifício Spazio Di Acácia Endereço : Rui Barbosa,

Leia mais

CONJUNTO RESIDENCIAL COLINAS SÃO LOURENZO

CONJUNTO RESIDENCIAL COLINAS SÃO LOURENZO CONJUNTO RESIDENCIAL COLINAS SÃO LOURENZO MEMORIAL DESCRITIVO ZIVA EMPREENDIMENTOS IMOBILIARIOS LTDA LOCAL: Rua JOSE DEL ROIO, n 105 Bairro JARDIM SÃO LOURENÇO Bragança Paulista S. P. MEMORIAL DESCRITIVO

Leia mais

TERMO DE ABERTURA DE PROCESSO ADMINISTRATIVO COM FINS DE LICITAÇÃO

TERMO DE ABERTURA DE PROCESSO ADMINISTRATIVO COM FINS DE LICITAÇÃO TERMO DE ABERTURA DE PROCESSO ADMINISTRATIVO COM FINS DE LICITAÇÃO Pelo presente termo, em cumprimento ao disposto no art. 38, da Lei Federal 8666/93 Lei das Licitações, DECLARO aberto o Processo Administrativo

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOÃO DE MERITI MEMORIAL DESCRITIVO

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOÃO DE MERITI MEMORIAL DESCRITIVO PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOÃO DE MERITI MEMORIAL DESCRITIVO Objeto: Reforma e Adequação sem acréscimo de área construída do Posto de Saúde de Eden. End.: Rua Roberto Silveira s/n Éden - São João de

Leia mais

Projeto Executivo Prancha 01 Inst Plantas de Lay-out das Instalações Elétricas do 1 e 2 pavimentos SERVIÇOS A EXECUTAR:

Projeto Executivo Prancha 01 Inst Plantas de Lay-out das Instalações Elétricas do 1 e 2 pavimentos SERVIÇOS A EXECUTAR: MEMORIAL DESCRITIVO PROJETO DE AMPLIAÇÃO DO POSTO DE SAÚDE MUNICIPAL DE ILÓPOLIS / RS OBJETIVO O presente Memorial Descritivo tem por objetivo estabelecer as diretrizes básicas do projeto de arquitetura,

Leia mais

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA

PLANILHA ORÇAMENTÁRIA FONTES DE : SINAPI REFERENCIAL 05/14, MERCADO UNITÁRIO TOTAL 1.00 ADMINISTRAÇÃO LOCAL R$ 4.086,08 1.1 Mestre de obras mês 2,00 R$ 17,22 R$ 34,44 22,53% R$ 42,19 SINAPI IS 4069 1.2 PPRA/PCMSO und 1,00 R$

Leia mais

Memorial Descritivo. Bairro Nova Conquista Cuiabá-MT CASAS TIPO 01 E 02

Memorial Descritivo. Bairro Nova Conquista Cuiabá-MT CASAS TIPO 01 E 02 Memorial Descritivo Bairro Nova Conquista Cuiabá-MT CASAS TIPO 01 E 02 Construção e Incorporação: Agente Financiador: MEMORIAL DESCRITIVO RESIDENCIAL SERRA AZUL CASA TIPO 01 e 02 1 - SERVIÇOS PRELIMINARES

Leia mais

ESTADO DO ESPÍRITO SANTO FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE DE MIMOSO DO SUL SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE

ESTADO DO ESPÍRITO SANTO FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE DE MIMOSO DO SUL SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE 1 SERP SERVIÇOS PRELIMINARES. 0011 DEMOLIÇÃO DE ALVENARIA 74220 Tapume de vedação. Tapume de chapa de madeira compensada, 6mm - pintura e 1.1 74220/001 SINAPI-ES cal. 2 SERT SERVIÇOS TÉCNICOS. 008 Locação.

Leia mais

SECRETARIA DA EDUCAÇÃO DO ESTADO DA BAHIA VALORES PARA ELABORAÇÃO DE PLANILHAS ORÇAMENTÁRIAS

SECRETARIA DA EDUCAÇÃO DO ESTADO DA BAHIA VALORES PARA ELABORAÇÃO DE PLANILHAS ORÇAMENTÁRIAS SECRETARIA DA EDUCAÇÃO DO ESTADO DA BAHIA VALORES PARA ELABORAÇÃO DE PLANILHAS ORÇAMENTÁRIAS CÓDIGO DESCRIÇÃO UND PREÇO 70-31-01-063 E REVISÃO DE PORTÃO EM GRADE DE FERRO M2 46,63 70-31-01-064 E VÁLVULA

Leia mais

ORÇAMENTO BÁSICO PARA MANUTENÇÃO PREDIAL DA INSPETORIA REGIONAL DE MOSSORÓ - IRM

ORÇAMENTO BÁSICO PARA MANUTENÇÃO PREDIAL DA INSPETORIA REGIONAL DE MOSSORÓ - IRM Página 1/6 01 SERVIÇOS PRELIMINARES 2,64% 2.665,26 MOBILIZAÇÃO DE EQUIPAMENTOS E PESSOAL (0001/CREA_ATUALIZADO INSUMOS 01.01 DESMOBILIZAÇÃO DE EQUIPAMENTOS E PESSOAL (0002/CREA_ATUALIZADO INSUMOS 01.02

Leia mais