Diminuir o número de círculos de 22 para 2. Diminuir o número de deputados de 230 para 181. Só exige alteração de 3 artigos da Lei Eleitoral

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Diminuir o número de círculos de 22 para 2. Diminuir o número de deputados de 230 para 181. Só exige alteração de 3 artigos da Lei Eleitoral"

Transcrição

1

2

3 RESUMO DA PROPOSTA Diminuir o número de círculos de 22 para 2 Diminuir o número de deputados de 230 para 181 Só exige alteração de 3 artigos da Lei Eleitoral

4 DOIS PROBLEMAS DA LEI ACTUAL Desrespeito pelo princípio da igualdade de voto Desrespeito pela intenção de voto de centenas de milhares de eleitores

5 PRINCÍPIO DA IGUALDADE DO VOTO Nas Legislativas de 2005, no Minho, votos bastaram para eleger um deputado do CDS-PP por Viana do Castelo, mas votos foram insuficientes para eleger o cabeça de lista do BE por Braga Nos círculos da emigração, em 2005 e 2009, o partido mais votado (PS) teve direito a um deputado, enquanto o segundo mais votado (PSD) elegeu três deputados

6 MILHARES DE VOTOS IGNORADOS Aquando da conversão de votos em mandatos, são ignoradas centenas de milhares de escrutínios válidos em partidos Em 2002, foram Em 2005, foram Em 2009, foram Em 2011, foram

7 VOTOS IGNORADOS POR PARTIDO

8 VOTOS IGNORADOS POR TIPO DE PARTIDO

9 OBJECTIVOS DA PROPOSTA Com um círculo para o território nacional e outro para a diáspora, o princípio da igualdade de voto será aplicado às duas categorias de cidadãos que votam nas Legislativas: os que residem em Portugal e os que não residem Através desta medida, as vontades ignoradas aquando da conversão dos votos em mandatos também diminuirão substancialmente, aumentando o pluralismo no Parlamento

10 OBJECTIVOS DA PROPOSTA Poupar mais de 20% na rubrica relativa aos salários dos deputados no orçamento da Assembleia da República (Alguns poderão considerar esta economia para os cofres do Estado mínima, mas muitos vão olhá-la como um exemplo em tempos de crise) Manter os níveis de governabilidade, num Parlamento necessariamente mais plural

11 REDACÇÃO ALTERNATIVA DA LEAR Artigo 12º (Círculos eleitorais) 1. Para efeitos de eleição dos deputados à Assembleia da República, o território nacional, abrangendo Portugal Continental e as Regiões Autónomas dos Açores e da Madeira, corresponde a um círculo eleitoral, com sede em Lisboa.

12 REDACÇÃO ALTERNATIVA DA LEAR Artigo 12º (Círculos eleitorais) 2. Revogado 3. Revogado 4. Os eleitores residentes fora do território nacional são agrupados num círculo eleitoral, com sede em Lisboa.

13 REDACÇÃO ALTERNATIVA DA LEAR Artigo 13º (Número e distribuição de deputados) 1. O número total de deputados é de O número total de deputados eleitos pelo círculo eleitoral do território nacional é de Ao círculo eleitoral dos residentes fora do território nacional correspondem quatro deputados.

14 REDACÇÃO ALTERNATIVA DA LEAR 4. Revogado 5. Revogado 6. Revogado Artigo 13º (Número e distribuição de deputados)

15 REDACÇÃO ALTERNATIVA DA LEAR Artigo 23º (Apresentação de candidaturas) 1. A apresentação de candidaturas cabe aos órgãos competentes dos partidos políticos. 2. A apresentação faz-se até ao 41º dia anterior à data prevista para as eleições, perante os juízes do juízo cível de Lisboa. 3. Revogado 4. Revogado

16 UMA INICIATIVA DE CIDADANIA Efectuar a recolha de assinaturas sob a forma de petição em Denunciar o facto de a Lei das ILC impedir os cidadãos de abordarem determinados temas por serem da competência exclusiva da Assembleia da República, não obstante as ILC terem, forçosamente, de ser votadas pelos deputados

17 PORQUE NÃO TEM MUDADO A LEI? Nas últimas três décadas, PS e PSD foram capazes de se entender em matérias como as revisões constitucionais que possibilitaram o fim das nacionalizações e a liberalização da economia, o termo do poder militar que marcou o período revolucionário ou a adesão à CEE, mas revelam uma enorme dificuldade de compromisso no domínio da reforma eleitoral.

18 PORQUE A LEI NÃO TEM MUDADO? A grande diferença é que, nos exemplos acima referidos, ambos os partidos puderam sair simultaneamente vencedores, enquanto no que respeita à revisão do sistema eleitoral já se observou que tal dificilmente acontecerá. No fundo, ao escolher um sistema eleitoral estão a definir-se as regras institucionais de distribuição de poder, e, nesta matéria, se nem todas as forças e agentes políticos podem ficar a ganhar, a verdade é que nenhum quer ficar a perder. Nuno Sampaio in O sistema eleitoral português: crónica de uma reforma adiada

Estudo de Opinião. Expresso / SIC/ Eurosondagem. Legislativas 2015

Estudo de Opinião. Expresso / SIC/ Eurosondagem. Legislativas 2015 Estudo de Opinião Expresso / SIC/ Eurosondagem Legislativas 2015 24 Setembro de 2015 - FICHA TÉCNICA - Estudo de Opinião efetuado pela Eurosondagem S.A. para o Expresso e SIC, de 17 a 23 de Setembro de

Leia mais

Estudo de Opinião. Expresso / SIC/ Eurosondagem ELEIÇÕES LEGISLATIVAS 2015

Estudo de Opinião. Expresso / SIC/ Eurosondagem ELEIÇÕES LEGISLATIVAS 2015 Estudo de Opinião Expresso / SIC/ Eurosondagem ELEIÇÕES LEGISLATIVAS 2015 Fevereiro de 2015 - FICHA TÉCNICA - Estudo de Opinião efetuado pela Eurosondagem S.A. para o Expresso e SIC, de 18 a 25 de Fevereiro

Leia mais

CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA PORTUGUESA 7.ª revisão 2005 (excertos) Princípios fundamentais. ARTIGO 10.º (Sufrágio universal e partidos políticos)

CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA PORTUGUESA 7.ª revisão 2005 (excertos) Princípios fundamentais. ARTIGO 10.º (Sufrágio universal e partidos políticos) CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA PORTUGUESA 7.ª revisão 2005 (excertos) Princípios fundamentais ARTIGO 10.º (Sufrágio universal e partidos políticos) 1. O povo exerce o poder político através do sufrágio universal,

Leia mais

Resultados sob embargo até divulgação pela Antena 1 (e RTP, JN e DN online) no dia 17 de outubro às 18h00

Resultados sob embargo até divulgação pela Antena 1 (e RTP, JN e DN online) no dia 17 de outubro às 18h00 BARÓMETRO DE OUTUBRO 2014 CESOP/UCP PARA ANTENA 1, RTP, JN E DN Resultados sob embargo até divulgação pela Antena 1 (e RTP, JN e DN online) no dia 17 de outubro às 18h00 0. Ficha técnica Ficha técnica

Leia mais

PARLAMENTO DOS JOVENS E N S I N O B Á S I C O E S E C U N D Á R I O

PARLAMENTO DOS JOVENS E N S I N O B Á S I C O E S E C U N D Á R I O PARLAMENTO DOS JOVENS E N S I N O B Á S I C O E S E C U N D Á R I O O QUE É? O programa Parlamento dos Jovens é uma iniciativa da Assembleia da República (AR) dirigida aos jovens do 2.º e do 3.º ciclos

Leia mais

PROJECTO DE RESOLUÇÃO N.º 194/IX SOBRE A CONSTITUIÇÃO EUROPEIA

PROJECTO DE RESOLUÇÃO N.º 194/IX SOBRE A CONSTITUIÇÃO EUROPEIA PROJECTO DE RESOLUÇÃO N.º 194/IX SOBRE A CONSTITUIÇÃO EUROPEIA Considerando o Relatório sobre os Trabalhos da Convenção sobre o Futuro da Europa e sobre o Projecto de Tratado que estabelece uma Constituição

Leia mais

Ministério da Administração do Território

Ministério da Administração do Território Ministério da Administração do Território Lei nº 23/92 de 16 de Setembro LEI DE REVISÃO CONSTITUCIONAL As alterações à Lei Constitucional introduzidas em Março de 1991, através da Lei nº. 12/91 destinaram

Leia mais

DIREITO CONSTITUCIONAL

DIREITO CONSTITUCIONAL DIREITO CONSTITUCIONAL PEÇA PROFISSIONAL O governo brasileiro, preocupado com os índices crescentes de ataques terroristas no mundo, vinculou-se à Convenção sobre os Direitos Humanos das Vítimas de Atividades

Leia mais

Nos blocos informativos analisados, foram identificadas um total de presenças assim distribuídas:

Nos blocos informativos analisados, foram identificadas um total de presenças assim distribuídas: Sumário Executivo A avaliação do pluralismo político-partidário abrange os seguintes serviços de programas do operador público: RTP1, RTP2, RTPN, RTP Madeira e RTP Açores. Na informação diária, foram analisadas

Leia mais

Preâmbulo. O presente regulamento define as regras a observar no procedimento concursal para a eleição do

Preâmbulo. O presente regulamento define as regras a observar no procedimento concursal para a eleição do ESCOLA SECUNDÁRIA JOSÉ SARAMAGO-MAFRA Regulamento para o Procedimento Concursal de Eleição do Diretor para o Quadriénio 2015-2019 Preâmbulo O presente regulamento define as regras a observar no procedimento

Leia mais

APRESENTAÇÃO DO PROGRAMA PARLAMENTO DOS JOVENS. O programa culmina com a realização anual de duas Sessões Nacionais na Assembleia da República:

APRESENTAÇÃO DO PROGRAMA PARLAMENTO DOS JOVENS. O programa culmina com a realização anual de duas Sessões Nacionais na Assembleia da República: APRESENTAÇÃO DO PROGRAMA PARLAMENTO DOS JOVENS O programa Parlamento dos Jovens, aprovado pela Resolução n.º 42/2006, de 2 de junho, é uma iniciativa da Assembleia da República, dirigida aos jovens dos

Leia mais

OS PARTIDOS POLÍTICOS NA CONSTITUIÇÃO PORTUGUESA

OS PARTIDOS POLÍTICOS NA CONSTITUIÇÃO PORTUGUESA RESUMO Este texto expõe a relevância dos partidos políticos no contexto constitucional português. Para este efeito, analisam-se as linhas que institucionalizam as organizações político-partidárias; os

Leia mais

PROJECTO DE LEI N.º 128/VIII ESTABELECE A IGUALDADE DE CONDIÇÕES DE FINANCIAMENTO A TODAS AS FREGUESIAS ABRANGIDAS PELO REGIME DE PERMANÊNCIA

PROJECTO DE LEI N.º 128/VIII ESTABELECE A IGUALDADE DE CONDIÇÕES DE FINANCIAMENTO A TODAS AS FREGUESIAS ABRANGIDAS PELO REGIME DE PERMANÊNCIA PROJECTO DE LEI N.º 128/VIII ESTABELECE A IGUALDADE DE CONDIÇÕES DE FINANCIAMENTO A TODAS AS FREGUESIAS ABRANGIDAS PELO REGIME DE PERMANÊNCIA Exposição de motivos O regime de permanência dos eleitos de

Leia mais

O programa Parlamento dos Jovens é uma iniciativa da Assembleia da República (AR) dirigida aos jovens do 2.º e do 3.ºciclos do ensino básico e do

O programa Parlamento dos Jovens é uma iniciativa da Assembleia da República (AR) dirigida aos jovens do 2.º e do 3.ºciclos do ensino básico e do O programa Parlamento dos Jovens é uma iniciativa da Assembleia da República (AR) dirigida aos jovens do 2.º e do 3.ºciclos do ensino básico e do ensino secundário Quem orienta este programa na Escola?

Leia mais

REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES ASSEMBLEIA LEGISLATIVA REGIONAL COMISSÃO DE ECONOMIA

REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES ASSEMBLEIA LEGISLATIVA REGIONAL COMISSÃO DE ECONOMIA Parecer da Comissão de Economia sobre a proposta de Decreto Legislativo Regional - REGULAMENTO DO SISTEMA TARIFÁRIO DOS PORTOS DA REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES. A Comissão de Economia reuniu, no dia 11 de

Leia mais

PROJECTO DE LEI N.º 490/VIII ENQUADRAMENTO DO ENSINO SUPERIOR POLITÉCNICO NAS REGIÕES AUTÓNOMAS DOS AÇORES E DA MADEIRA

PROJECTO DE LEI N.º 490/VIII ENQUADRAMENTO DO ENSINO SUPERIOR POLITÉCNICO NAS REGIÕES AUTÓNOMAS DOS AÇORES E DA MADEIRA PROJECTO DE LEI N.º 490/VIII ENQUADRAMENTO DO ENSINO SUPERIOR POLITÉCNICO NAS REGIÕES AUTÓNOMAS DOS AÇORES E DA MADEIRA O ensino superior necessita de soluções particulares nas Regiões Autónomas dos Açores

Leia mais

Regulamento para o Procedimento Concursal de Eleição do Diretor para o Quadriénio

Regulamento para o Procedimento Concursal de Eleição do Diretor para o Quadriénio AGRUPAMENTO DE ESCOLAS PROFESSOR ARMANDO DE LUCENA MALVEIRA Regulamento para o Procedimento Concursal de Eleição do Diretor para o Quadriénio 2017-2021 Preâmbulo O presente regulamento define as regras

Leia mais

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DA REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES TRABALHOS DA COMISSÃO

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DA REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES TRABALHOS DA COMISSÃO TRABALHOS DA COMISSÃO A Subcomissão da Comissão Permanente de Economia reuniu no dia 13 de maio de 2015, na Delegação da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores, na cidade de Ponta Delgada,

Leia mais

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DA REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DA REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES RELATÓRIO E PARECER SOBRE A PROPOSTA DE LEI QUE APROVA O NOVO REGIME DO ARRENDAMENTO URBANO (NRAU), QUE ESTABELECE UM REGIME ESPECIAL DE ACTUALIZAÇÃO DAS RENDAS ANTIGAS, E PROCEDE À ALTERAÇÃO DO CÓDIGO

Leia mais

Apresentação do programa Parlamento dos Jovens. 1. Objetivos do Programa

Apresentação do programa Parlamento dos Jovens. 1. Objetivos do Programa Apresentação do programa Parlamento dos Jovens O Parlamento dos Jovens é uma iniciativa institucional da Assembleia da República, desenvolvida ao longo do ano letivo com as Escolas de todo o país, em que

Leia mais

PROJECTO DE LEI N.º 254/X

PROJECTO DE LEI N.º 254/X Grupo Parlamentar PROJECTO DE LEI N.º 254/X ALTERA A LEI N.º64/93, DE 26 DE AGOSTO (ESTABELECE O REGIME JURÍDICO DE INCOMPATIBILIDADES E IMPEDIMENTOS DOS TITULARES DE CARGOS POLÍTICOS E ALTOS CARGOS PÚBLICOS)

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º 530/XII/3 (PSD, CDS-PP) - «LEI QUE DEFINE OS PRINCÍPIOS QUE REGEM A COBERTURA JORNALÍSTICA DAS ELEIÇÕES E DOS REFERENDOS NACIONAIS»

PROJETO DE LEI N.º 530/XII/3 (PSD, CDS-PP) - «LEI QUE DEFINE OS PRINCÍPIOS QUE REGEM A COBERTURA JORNALÍSTICA DAS ELEIÇÕES E DOS REFERENDOS NACIONAIS» PROJETO DE LEI N.º 530/XII/3 (PSD, CDS-PP) - «LEI QUE DEFINE OS PRINCÍPIOS QUE REGEM A COBERTURA JORNALÍSTICA DAS ELEIÇÕES E DOS REFERENDOS NACIONAIS» PROPOSTA DE SUBSTITUIÇÃO REGIME JURÍDICO DA COBERTURA

Leia mais

O Grupo Parlamentar do PS-M apresenta, nos termos regimentais, o Projeto de Decreto Legislativo Regional intitulado ESTABELECE A TAXA PLURIANUAL DO

O Grupo Parlamentar do PS-M apresenta, nos termos regimentais, o Projeto de Decreto Legislativo Regional intitulado ESTABELECE A TAXA PLURIANUAL DO Sua Excelência O Presidente da Assembleia Legislativa da Madeira Assunto: PROJETO DE DECRETO LEGISLATIVO REGIONAL Excelência, O Grupo Parlamentar do PS-M apresenta, nos termos regimentais, o Projeto de

Leia mais

Um projecto para o futuro... inspirado no passado

Um projecto para o futuro... inspirado no passado Um projecto para o futuro...... inspirado no passado O espírito da Escola de Sagres do séc. XV, onde académicos, exploradores e navegadores internacionais se juntavam para aprofundar o conhecimento humano

Leia mais

Cotas para mulheres?

Cotas para mulheres? Cotas para mulheres? Direito: PEC propõe alterar a Constituição Federal para que, nas eleições para Câmara dos Deputados, Assembleias Legislativas dos Estados, Câmara Legislativa do Distrito Federal e

Leia mais

ÉTICA, POLÍTICA E TRANSPARÊNCIA (COM GALERIA DE FOTOS)

ÉTICA, POLÍTICA E TRANSPARÊNCIA (COM GALERIA DE FOTOS) N20120229n ÉTICA, POLÍTICA E TRANSPARÊNCIA (COM GALERIA DE FOTOS) A 29 de Fevereiro de 2012, Mendes Bota proferiu uma conferência no Salão Nobre dos Paços do Concelho, em Loulé, subordinada ao tema Ética,

Leia mais

REGULAMENTO PARA O RECRUTAMENTO DO DIRECTOR DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOÃO ROIZ DE CASTELO BRANCO

REGULAMENTO PARA O RECRUTAMENTO DO DIRECTOR DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOÃO ROIZ DE CASTELO BRANCO REGULAMENTO PARA O RECRUTAMENTO DO DIRECTOR DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS JOÃO ROIZ DE CASTELO BRANCO Objecto O presente regulamento estabelece as condições de acesso e normas para a eleição do director do

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º 299/XII/2.ª

PROJETO DE LEI N.º 299/XII/2.ª Grupo Parlamentar PROJETO DE LEI N.º 299/XII/2.ª DEFINE O REGIME DE AUDIÇÃO E PARTICIPAÇÃO DAS AUTARQUIAS LOCAIS E POPULAÇÕES NO PROCESSO LEGISLATIVO DE CRIAÇÃO, EXTINÇÃO, FUSÃO E MODIFICAÇÃO DE AUTARQUIAS

Leia mais

XVI CONGRESSO REGIONAL PARTIDO SOCIALISTA/AÇORES REGULAMENTO

XVI CONGRESSO REGIONAL PARTIDO SOCIALISTA/AÇORES REGULAMENTO XVI CONGRESSO REGIONAL PARTIDO SOCIALISTA/AÇORES REGULAMENTO SECÇÃO I NORMAS GERAIS Artigo 1º Local, data e Ordem de Trabalhos O XVI Congresso Regional do Partido Socialista/Açores, realiza-se na ilha

Leia mais

Senhor Presidente do Supremo Tribunal. Senhoras e Senhores Vice-Presidentes da. Senhora Procuradora-Geral da República,

Senhor Presidente do Supremo Tribunal. Senhoras e Senhores Vice-Presidentes da. Senhora Procuradora-Geral da República, Senhor Presidente do Supremo Tribunal Administrativo, Senhores Ministros, Senhoras e Senhores Vice-Presidentes da Assembleia da República, Senhora Procuradora-Geral da República, Senhoras e Senhores Deputados,

Leia mais

PROJECTO DE LEI N.º 290/IX DIFUSÃO DA MÚSICA PORTUGUESA NA RÁDIO. Exposição de motivos

PROJECTO DE LEI N.º 290/IX DIFUSÃO DA MÚSICA PORTUGUESA NA RÁDIO. Exposição de motivos PROJECTO DE LEI N.º 290/IX DIFUSÃO DA MÚSICA PORTUGUESA NA RÁDIO Exposição de motivos Nos últimos anos, tem decrescido significativamente a percentagem de música ligeira portuguesa no mercado discográfico

Leia mais

PROPOSTA DE LEI N.º 68/VIII AUTORIZAÇÃO PARA CONTRACÇÃO DE EMPRÉSTIMOS EXTERNOS PELA REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES

PROPOSTA DE LEI N.º 68/VIII AUTORIZAÇÃO PARA CONTRACÇÃO DE EMPRÉSTIMOS EXTERNOS PELA REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES PROPOSTA DE LEI N.º 68/VIII AUTORIZAÇÃO PARA CONTRACÇÃO DE EMPRÉSTIMOS EXTERNOS PELA REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES Pela Lei n.º 30-C/2000, de 29 de Dezembro, da contracção de empréstimos pela Região Autónoma

Leia mais

DIREITO CONSTITUCIONAL

DIREITO CONSTITUCIONAL DIREITO CONSTITUCIONAL PEÇA PROFISSIONAL O presidente da República apresenta ao Congresso Nacional proposição legislativa que trata de criação, transformação em estado ou reintegração ao estado de origem

Leia mais

Princípios do sistema eleitoral autárquico da Baixa Saxónia

Princípios do sistema eleitoral autárquico da Baixa Saxónia Portugiesisch Niedersächsischer Landeswahlleiter Informações do Presidente da Comissão Eleitoral da Baixa Saxónia Princípios do sistema eleitoral autárquico da Baixa Saxónia Princípios do sistema eleitoral

Leia mais

Projecto de Lei n.º 12/XI

Projecto de Lei n.º 12/XI Grupo Parlamentar Projecto de Lei n.º 12/XI Altera as Regras da Atribuição do Subsídio de Desemprego, introduzindo uma maior justiça social O desemprego em Portugal atinge actualmente níveis dramáticos,

Leia mais

Grupo Parlamentar. Projecto de Lei n.º. Altera as Regras da Atribuição do Subsídio de Desemprego, introduzindo uma maior justiça social

Grupo Parlamentar. Projecto de Lei n.º. Altera as Regras da Atribuição do Subsídio de Desemprego, introduzindo uma maior justiça social Grupo Parlamentar Projecto de Lei n.º /XI Altera as Regras da Atribuição do Subsídio de Desemprego, introduzindo uma maior justiça social O desemprego em Portugal atinge actualmente níveis dramáticos,

Leia mais

Tendo em conta o Tratado que institui a Comunidade Europeia, nomeadamente o n.º 4 do artigo 190.º;

Tendo em conta o Tratado que institui a Comunidade Europeia, nomeadamente o n.º 4 do artigo 190.º; Resolução da Assembleia da República n.º 17/2004 Aprova, para ratificação, a Decisão do Conselho de 25 de Junho e de 23 de Setembro de 2002, que altera o acto relativo à eleição dos representantes ao Parlamento

Leia mais

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DA REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES Comissão de Assuntos Parlamentares, Ambiente e Trabalho

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DA REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES Comissão de Assuntos Parlamentares, Ambiente e Trabalho RELATÓRIO E PARECER SOBRE O PROJETO DE DECRETO-LEI N.º 369/2015, QUE PROCEDE À TERCEIRA ALTERAÇÃO AO DECRETO-LEI N.º 6/2009, DE 6 DE JANEIRO, TRANSPONDO A DIRETIVA N.º 2013/56/UE, DO PARLAMENTO EUROPEU

Leia mais

CONSTITUIÇÃO DA REPUBLICA PORTUGUESA

CONSTITUIÇÃO DA REPUBLICA PORTUGUESA A MARCELO REBELO DE SOUSA Professor Catedrático da Faculdade de Direito de Lisboa JOSÉ DE MELO ALEXANDRINO Assistente da Faculdade de Direito de Lisboa CONSTITUIÇÃO DA REPUBLICA PORTUGUESA ^ COMENTADA

Leia mais

REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES ASSEMBLEIA LEGISLATIVA REGIONAL COMISSÃO DE ASSUNTOS SOCIAIS

REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES ASSEMBLEIA LEGISLATIVA REGIONAL COMISSÃO DE ASSUNTOS SOCIAIS Relatório e parecer da Comissão Permanente de Assuntos Sociais à Proposta de Decreto Legislativo Regional - Aplicação à Região Autónoma dos Açores do Decreto-Lei nº 158/84, de 17 de Maio, que estabelece

Leia mais

ORDEM DOS ADVOGADOS. 3 AS O N Á o. António Marinho e Pinto. (Bastonário) Lcirgo de S. Domingos, Lisboa

ORDEM DOS ADVOGADOS. 3 AS O N Á o. António Marinho e Pinto. (Bastonário) Lcirgo de S. Domingos, Lisboa Assembleia da República Comissão de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias da Exmo. Senhor Ilustre Presidente da Dr. Fernando Negrão 3 AS O N Á o PORTUGAL E-mau; gob.bastonorio@cg.oa.pt

Leia mais

São instrumentos por meio dos quais a CF garante o exercício da soberania popular (poder de cada membro da sociedade estatal de escolher os seus

São instrumentos por meio dos quais a CF garante o exercício da soberania popular (poder de cada membro da sociedade estatal de escolher os seus São instrumentos por meio dos quais a CF garante o exercício da soberania popular (poder de cada membro da sociedade estatal de escolher os seus representantes no governo por meio do sufrágio universal

Leia mais

Agrupamento de Escolas de Vieira de Leiria

Agrupamento de Escolas de Vieira de Leiria Agrupamento de Escolas de Vieira de Leiria Escola Sede: ESCOLA SECUNDÁRIA JOSÉ LOUREIRO BOTAS 4 0 1 9 8 5 REGULAMENTO PARA ELEIÇÃO DO DIRECTOR DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE VIEIRA DE LEIRIA Artigo 1º Objecto

Leia mais

PROJECTO DE LEI N.º 136/XI/1.ª

PROJECTO DE LEI N.º 136/XI/1.ª PROJECTO DE LEI N.º 136/XI/1.ª ALTERA O REGIME DAS INELEGIBILIDADES NAS ELEIÇÕES PARA O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, PARA A ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA, PARA O PARLAMENTO EUROPEU E PARA OS ÓRGÃOS DAS AUTARQUIAS

Leia mais

Princípios do sistema eleitoral autárquico da Baixa Saxónia

Princípios do sistema eleitoral autárquico da Baixa Saxónia Niedersächsische Landeswahlleiterin Portugiesisch Informações do Presidente da Comissão Eleitoral da Baixa Saxónia Princípios do sistema eleitoral autárquico da Baixa Saxónia 2 Princípios do sistema eleitoral

Leia mais

Conselho das Comunidades Portuguesas

Conselho das Comunidades Portuguesas Regulamento Interno do Conselho Regional das Comunidades Portuguesas na América do Norte Aprovado nos termos do número 3 do artigo 39.º-A e do número 1 do artigo 39.º-C da Lei n.º 66- A/2007, de 11 de

Leia mais

ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA Comissão da Administração Pública, Poder Local e Comunicação Social 4ª Comissão

ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA Comissão da Administração Pública, Poder Local e Comunicação Social 4ª Comissão ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA Comissão da Administração Pública, Poder Local e Comunicação Social 4ª Comissão Relatório de apreciação na especialidade n. 3/2012 De 13 de Dezembro 1. Assunto: Projecto de Revisão

Leia mais

ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA DISCURSO DE TOMADA DE POSSE DE SUA EXCELÊNCIA O PRESIDENTE DA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA NA XI LEGISLATURA

ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA DISCURSO DE TOMADA DE POSSE DE SUA EXCELÊNCIA O PRESIDENTE DA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA NA XI LEGISLATURA DISCURSO DE TOMADA DE POSSE DE SUA EXCELÊNCIA O PRESIDENTE DA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA NA XI LEGISLATURA 15 de Outubro de 2009 Sr. as e Srs. Deputados: Como Presidente eleito da Assembleia da República,

Leia mais

Autonomia e Gestão Novos Desafios

Autonomia e Gestão Novos Desafios Autonomia e Gestão Novos Desafios Francisco Oliveira Reforço da participação das famílias e comunidades na direcção estratégica da Escola Reforçar a liderança das Escolas Reforço da autonomia das Escolas

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DA PEDRULHA(161263)

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DA PEDRULHA(161263) Direcção Regional de Educação do Centro AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DA PEDRULHA(161263) Escola Básica Rainha Santa Isabel Coimbra (342580) REGULAMENTO PARA A ELEIÇÃO DO DIRECTOR Artigo 1º Objecto O presente

Leia mais

Grupo Parlamentar. Projecto de Lei n.º 371/XI

Grupo Parlamentar. Projecto de Lei n.º 371/XI Grupo Parlamentar Projecto de Lei n.º 371/XI Alteração à Lei 53-B/2006, de 29 de Dezembro, estabelece o valor das pensões no caso da manutenção do valor do IAS Exposição de motivos Actualmente com a vigência

Leia mais

Unidade I INSTITUIÇÕES DO DIREITO. Prof. Me. Edson Guedes

Unidade I INSTITUIÇÕES DO DIREITO. Prof. Me. Edson Guedes Unidade I INSTITUIÇÕES DO DIREITO Prof. Me. Edson Guedes 1. Introdução ao Direito 1.1 Origem do Direito: Conflitos humanos; Evitar a luta de todos contra todos; 1. Introdução ao Direito 1.2 Conceito de

Leia mais

Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores

Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores CAPÍTULO I Introdução A da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores reuniu, no dia 23 de maio de 2016, na delegação da Assembleia Legislativa da ilha de São Miguel, com o objetivo de apreciar

Leia mais

DIAP Quadro comparativo: PEC do GT da reforma política no Congresso Qua, 13 de Novembro de :43

DIAP Quadro comparativo: PEC do GT da reforma política no Congresso Qua, 13 de Novembro de :43 Departamento Intersindical de Assessoria Parlametar organiza uma tabela comparativa a partir da PEC aprovada pelo Grupo de Trabalho sobre Reforma Política na Camâra dos Deputados. O Grupo de Trabalho sobre

Leia mais

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DA REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES SUBCOMISSÃO DE POLÍTICA GERAL INTRODUÇÃO

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DA REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES SUBCOMISSÃO DE POLÍTICA GERAL INTRODUÇÃO INTRODUÇÃO A Subcomissão de Política Geral, em 23 de junho de 2015, procedeu à apreciação, relato e emissão de parecer sobre a Proposta de Lei n.º 342/XII/4 que altera o Código Civil, aprovado pelo Decreto-Lei

Leia mais

Agrupamento de Escolas Pedro Álvares Cabral Belmonte Escola Sede: Escola Básica dos 2.º e 3.º Ciclos com Ensino Secundário

Agrupamento de Escolas Pedro Álvares Cabral Belmonte Escola Sede: Escola Básica dos 2.º e 3.º Ciclos com Ensino Secundário Agrupamento de Escolas Pedro Álvares Cabral Belmonte Escola Sede: Escola Básica dos 2.º e 3.º Ciclos com Ensino Secundário Pedro Álvares Cabral - Belmonte Regulamento para a Eleição do Director do Agrupamento

Leia mais

REGULAMENTO PARA PROCESSO CONCURSAL DE ELEIÇÃO DO DIRETOR DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS SÁ DA BANDEIRA

REGULAMENTO PARA PROCESSO CONCURSAL DE ELEIÇÃO DO DIRETOR DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS SÁ DA BANDEIRA REGULAMENTO PARA PROCESSO CONCURSAL DE ELEIÇÃO DO DIRETOR DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS SÁ DA BANDEIRA Artigo 1.º Objeto O presente Regulamento define as condições de acesso e as regras a observar no procedimento

Leia mais

RELATÓRIO E PARECER SOBRE O PROJECTO DE RESOLUÇÃO RELATIVO AO PEDIDO DE DECLARAÇÃO DE INCONSTITUCIONALIDADE DA LEI N.º 11/2003, DE 13 DE MAIO

RELATÓRIO E PARECER SOBRE O PROJECTO DE RESOLUÇÃO RELATIVO AO PEDIDO DE DECLARAÇÃO DE INCONSTITUCIONALIDADE DA LEI N.º 11/2003, DE 13 DE MAIO RELATÓRIO E PARECER SOBRE O PROJECTO DE RESOLUÇÃO RELATIVO AO PEDIDO DE DECLARAÇÃO DE INCONSTITUCIONALIDADE DA LEI N.º 11/2003, DE 13 DE MAIO HORTA, 7 DE MAIO DE 2004 CAPÍTULO I INTRODUÇÃO A Comissão de

Leia mais

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DA REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES TRABALHOS DA COMISSÃO

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DA REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES TRABALHOS DA COMISSÃO TRABALHOS DA COMISSÃO A Subcomissão da Comissão Permanente de Economia reuniu no dia 16 de junho de 2016, na Delegação da Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores, na cidade de Ponta Delgada,

Leia mais

Suely (Reportagem) Adriana (Produção) 07:27 Intervalo - 3 minutos 07:30 Entrevista/Reportagem Entrevistado:

Suely (Reportagem) Adriana (Produção) 07:27 Intervalo - 3 minutos 07:30 Entrevista/Reportagem Entrevistado: Horário Cobertura Apresentação Produção e 07:00 Abertura/Primeiro Voto Gilvane/Geanoni Comentários: Congresso em Foco 07:12 Intervalo - 3 minutos 07:15 Reportagens de dicas SP, RS e DF 07:27 Intervalo

Leia mais

REGULAMENTO PARA A ELEIÇÃO DO DIRECTOR DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS BRÁS GARCIA DE MASCARENHAS

REGULAMENTO PARA A ELEIÇÃO DO DIRECTOR DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS BRÁS GARCIA DE MASCARENHAS REGULAMENTO PARA A ELEIÇÃO DO DIRECTOR DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS BRÁS GARCIA DE MASCARENHAS Artigo 1.º Objecto O presente Regulamento estabelece as condições de acesso e normas do concurso para eleição

Leia mais

DECRETO LEGISLATIVO REGIONAL N.º 8/2007 REGIME DAS PRECEDÊNCIAS PROTOCOLARES E DO LUTO REGIONAL NA REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES

DECRETO LEGISLATIVO REGIONAL N.º 8/2007 REGIME DAS PRECEDÊNCIAS PROTOCOLARES E DO LUTO REGIONAL NA REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES DECRETO LEGISLATIVO REGIONAL N.º 8/2007 REGIME DAS PRECEDÊNCIAS PROTOCOLARES E DO LUTO REGIONAL NA REGIÃO AUTÓNOMA DOS AÇORES A particular configuração que as regras das precedências protocolares assumem

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº 166, DE 2015

PROJETO DE LEI Nº 166, DE 2015 COMISSÃO DE FINANÇAS E TRIBUTAÇÃO PROJETO DE LEI Nº 166, DE 2015 Dá nova redação ao título do Capítulo IV e aos artigos 15, 16 e 17 da Lei n. 8.906/94 de 4 de julho de 1994, para permitir a constituição

Leia mais

ACORDARAM NO SEGUINTE: Artigo 1

ACORDARAM NO SEGUINTE: Artigo 1 PROTOCOLO RELATIVO À ADESÃO DA COMUNIDADE EUROPEIA À CONVENÇÃO INTERNACIONAL DE COOPERAÇÃO PARA A SEGURANÇA DA NAVEGAÇÃO AÉREA EUROCONTROL DE 13 DE DEZEMBRO DE 1960, DIVERSAS VEZES MODIFICADA E CONSOLIDADA

Leia mais

UM TRIBUNAL DA RELAÇÃO PARA OS AÇORES

UM TRIBUNAL DA RELAÇÃO PARA OS AÇORES Secção A Judicatura e o Ministério Público na Reforma da Justiça UM TRIBUNAL DA RELAÇÃO PARA OS AÇORES Depois da ideia geral da virtude, não conheço outra ideia mais bela do que a dos direitos, ou melhor,

Leia mais

Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores COMISSÃO DE ASSUNTOS PARLAMENTARES, AMBIENTE E TRABALHO RELATÓRIO E PARECER

Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores COMISSÃO DE ASSUNTOS PARLAMENTARES, AMBIENTE E TRABALHO RELATÓRIO E PARECER RELATÓRIO E PARECER NO ÂMBITO DA AUDIÇÃO DOS ÓRGÃOS DE GOVERNO PRÓPRIO DAS REGIÕES AUTÓNOMAS, SOBRE O PROJECTO DE DECRETO-LEI REG. DL 380/2005 TRANSPÕE PARA A ORDEM JURÍDICA NACIONAL A DIRECTIVA N.º 2001/86/CE,

Leia mais

QUADRO CRONOLÓGICO DAS OPERAÇÕES ELEITORAIS PARA A ELEIÇÃO DAS AUTARQUIAS LOCAIS DE 12 DE DEZEMBRO DE Até

QUADRO CRONOLÓGICO DAS OPERAÇÕES ELEITORAIS PARA A ELEIÇÃO DAS AUTARQUIAS LOCAIS DE 12 DE DEZEMBRO DE Até QUADRO CRONOLÓGICO DAS OPERAÇÕES ELEITORAIS PARA A ELEIÇÃO DAS AUTARQUIAS LOCAIS DE 12 DE DEZEMBRO DE 1976 DECRETO-LEI N.º 701-B/76, DE 29 de SETEMBRO Alterações: Decretos-lei n.ºs 757/76, 21 Outubro e

Leia mais

(Do Senhor Marcus Pestana)

(Do Senhor Marcus Pestana) PROJETO DE LEI Nº, DE 2013 (Do Senhor Marcus Pestana) Dispõe sobre o sistema eleitoral para as eleições proporcionais, alterando a Lei nº 4.737, de 15 de julho de 1965 (Código Eleitoral), a Lei nº 9.096,

Leia mais

Manual do jovem deputado

Manual do jovem deputado 2010 2011 Manual do jovem deputado (Este manual procura expor, de forma simples, as regras do Parlamento dos Jovens que estão detalhadas no Regimento. Se quiseres fazer outras perguntas escreve para parlamento.jovens@ar.parlamento.pt)

Leia mais

ORGANIZAÇÃO, FUNCIONAMENTO E PROCESSO DO TRIBUNAL CONSTITUCIONAL Lei n.o 28/82, (*) de 15 de Novembro (Excertos)

ORGANIZAÇÃO, FUNCIONAMENTO E PROCESSO DO TRIBUNAL CONSTITUCIONAL Lei n.o 28/82, (*) de 15 de Novembro (Excertos) ORGANIZAÇÃO, FUNCIONAMENTO E PROCESSO DO TRIBUNAL CONSTITUCIONAL Lei n.o 28/82, (*) de 15 de Novembro (Excertos) A Assembleia da República decreta, nos termos do artigo 244.o da Lei Constitucional n.o

Leia mais

Manual do jovem deputado

Manual do jovem deputado 2009-2010 Manual do jovem deputado (Este manual procura expor, de forma simples, as regras do Parlamento dos Jovens que estão detalhadas no Regimento. Se quiseres fazer outras perguntas escreve para parlamento.jovens@ar.parlamento.pt)

Leia mais

CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS

CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS Proposta de Regulamento Eleitoral das eleições primárias abertas a militantes e simpatizantes do PS para a designação do candidato do PS ao cargo do Primeiro-Ministro CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS Artigo

Leia mais

Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores COMISSÃO DE ASSUNTOS SOCIAIS

Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores COMISSÃO DE ASSUNTOS SOCIAIS PARECER SOBRE O PROJECTO DE DECRETO-LEI QUE APROVA O REGIME DE PROTECÇÃO NAS EVENTUALIDADES DE INVALIDEZ E VELHICE DOS BENEFICIÁRIOS DO REGIME GERAL DE SEGURANÇA SOCIAL Angra do Heroísmo, 26 de Fevereiro

Leia mais

ABERTURA DO PROCESSO ELEITORAL DO CONSELHO GERAL TRANSITÓRIO

ABERTURA DO PROCESSO ELEITORAL DO CONSELHO GERAL TRANSITÓRIO ABERTURA DO PROCESSO ELEITORAL DO CONSELHO GERAL TRANSITÓRIO REGULAMENTO DE ELEIÇÃO E DESIGNAÇÃO DOS MEMBROS DO CONSELHO GERAL TRANSITÓRIO DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS Nº2 DE BEJA Artigo 1.º Objeto 1 - O

Leia mais

TESTE DE AVALIAÇÃO DE HISTÓRIA E GEOGRAFIA DE PORTUGAL

TESTE DE AVALIAÇÃO DE HISTÓRIA E GEOGRAFIA DE PORTUGAL Agrupamento de Escolas de Arraiolos Escola EB 2,3/S Cunha Rivara de Arraiolos Ano Lectivo 2009/2010 HISTÓRIA E GEOGRAFIA DE PORTUGAL 6º Ano Teste de Avaliação nº 5 TESTE DE AVALIAÇÃO DE HISTÓRIA E GEOGRAFIA

Leia mais

PROPOSTA DE LEI N.º 181/X. Exposição de Motivos

PROPOSTA DE LEI N.º 181/X. Exposição de Motivos PROPOSTA DE LEI N.º 181/X Exposição de Motivos Em regra, e à semelhança dos ordenamentos jurídicos de outros países, apenas os veículos com matrícula definitiva de outro Estado membro que estejam matriculados

Leia mais

REGULAMENTO PARA A ELEIÇÃO DOS REPRESENTANTES DOS PAIS E ENCARREGADOS DE EDUCAÇÃO NO CONSELHO GERAL Biénio 2015/ /17

REGULAMENTO PARA A ELEIÇÃO DOS REPRESENTANTES DOS PAIS E ENCARREGADOS DE EDUCAÇÃO NO CONSELHO GERAL Biénio 2015/ /17 REGULAMENTO PARA A ELEIÇÃO DOS REPRESENTANTES DOS PAIS E ENCARREGADOS DE EDUCAÇÃO NO CONSELHO GERAL Biénio 2015/16 2016/17 Nota Justificativa: Com o objetivo de regular o processo eleitoral de eleição

Leia mais

Campanha Nacional de Incentivo ao Voto para as Eleições Europeias. Apoio: Parceiros: Ecos

Campanha Nacional de Incentivo ao Voto para as Eleições Europeias. Apoio: Parceiros: Ecos Apoio: Campanha Nacional de Incentivo ao Voto para as Eleições Europeias Parceiros: Ecos 1. O PROJECTO 1.1 Enquadramento 1.2 Objetivos 1.3 Ligação à Campanha League of Young Voters 2. OS PARCEIROS 3. ATIVIDADES

Leia mais

O Funcionamento do Triângulo Institucional

O Funcionamento do Triângulo Institucional Construção da União Europeia O Funcionamento do Triângulo Institucional 25 de Junho de 2009 Centro de Informação Europeia 1 1 Como funciona a União Europeia? O sistema político da União Europeia tem vindo

Leia mais

Grupo Parlamentar. Projecto de Resolução n.º 379/XI

Grupo Parlamentar. Projecto de Resolução n.º 379/XI Grupo Parlamentar Projecto de Resolução n.º 379/XI Recomenda ao Governo que altere as contribuições para a Segurança Social dos Empresários em Nome Individual, Agricultores e Prestadores de Serviços, enquadrados

Leia mais

JORNAL OFICIAL. Sumário REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA. Terça-feira, 21 de janeiro de Série. Número 14

JORNAL OFICIAL. Sumário REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA. Terça-feira, 21 de janeiro de Série. Número 14 REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA JORNAL OFICIAL Terça-feira, 21 de janeiro de 2014 Série Sumário SECRETARIA REGIONAL DO PLANO E FINANÇAS Despacho n.º 8/2014 Aprova as tabelas de retenção na fonte, em euros,

Leia mais

REGULAMENTO DA ELEIÇÃO DOS REPRESENTANTES DO CONSELHO CONSULTIVO REFERIDOS NAS ALS. D) A F) DO N.º 2 DO ART. 109.º DA LEI N. 26.º, N.

REGULAMENTO DA ELEIÇÃO DOS REPRESENTANTES DO CONSELHO CONSULTIVO REFERIDOS NAS ALS. D) A F) DO N.º 2 DO ART. 109.º DA LEI N. 26.º, N. Comarca de REGULAMENTO DA ELEIÇÃO DOS REPRESENTANTES DO CONSELHO CONSULTIVO REFERIDOS NAS ALS. D) A F) DO N.º 2 DO ART. 109.º DA LEI N.º 62/2013, DE 26 DE AGOSTO (LOSJ) E ART. 26.º, N.º 2 DO DL N.º 49/2014,

Leia mais

REGULAMENTO PARA RECRUTAMENTO DO DIRECTOR DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS RODRIGUES DE FREITAS. Artigo 1º. Objecto

REGULAMENTO PARA RECRUTAMENTO DO DIRECTOR DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS RODRIGUES DE FREITAS. Artigo 1º. Objecto REGULAMENTO PARA RECRUTAMENTO DO DIRECTOR DO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS RODRIGUES DE FREITAS Artigo 1º Objecto O presente regulamento estabelece as condições de acesso e normas do concurso para eleição do

Leia mais

Bloco móvel: Questões da atualidade

Bloco móvel: Questões da atualidade » Bloco móvel: Questões da atualidade » Portugal deve cumprir o memorando assinado com a troika?(%)» Portugal deve sair do euro se o não cumprimento do memorando assinado com a troika assim o implicar?(%)

Leia mais

Orçamento Participativo da Freguesia de Castelo Branco

Orçamento Participativo da Freguesia de Castelo Branco I Âmbito A Freguesia de Castelo Branco, através do presente Orçamento Participativo (doravante designado OPFCB), pretende promover a cidadania ativa, através da participação dos cidadãos na escolha e definição

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DE LEAL DA CÂMARA

ESCOLA SECUNDÁRIA DE LEAL DA CÂMARA ESCOLA SECUNDÁRIA DE LEAL DA CÂMARA REGULAMENTO PARA A ELEIÇÃO DO DIRECTOR PARA O QUADRIÉNIO 2009-2013 Artigo 1º Objecto O presente regulamento estabelece as condições de acesso e normas do concurso para

Leia mais

FAQ. CRIAÇÃO DE NÚCLEO. 1. Quem poderá propor-se à criação de um Núcleo?

FAQ. CRIAÇÃO DE NÚCLEO. 1. Quem poderá propor-se à criação de um Núcleo? FAQ. CRIAÇÃO DE NÚCLEO 1. Quem poderá propor-se à criação de um Núcleo? Segundo o Artigo 1º - Criação e Competências das Normas de Criação e Eleições dos Núcleos Podem ser constituídos Núcleos quando tal

Leia mais

PROJECTO DE LEI N.º 102/X. Primeira revisão da Lei nº 6/94, de 7 de Abril Segredo de Estado

PROJECTO DE LEI N.º 102/X. Primeira revisão da Lei nº 6/94, de 7 de Abril Segredo de Estado PROJECTO DE LEI N.º 102/X Primeira revisão da Lei nº 6/94, de 7 de Abril Segredo de Estado Passados já onze anos de vigência da Lei nº 6/94, de 7 de Abril, que pela primeira vez abordou, em termos democráticos,

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º 407/XIII/2.ª

PROJETO DE LEI N.º 407/XIII/2.ª Grupo Parlamentar PROJETO DE LEI N.º 407/XIII/2.ª SIMPLIFICA E PREVINE EVENTUAIS FRAUDES NA ATRIBUIÇÃO DO SUBSÍDIO SOCIAL DE MOBILIDADE ATRIBUÍDO A RESIDENTES NAS REGIÕES AUTÓNOMAS (Primeira alteração

Leia mais

AS RECEITAS E DESPESAS DA CAMPANHA ELEITORAL

AS RECEITAS E DESPESAS DA CAMPANHA ELEITORAL AS RECEITAS E DESPESAS DA CAMPANHA ELEITORAL Manual de Candidatura Eleições Autárquicas 2001 REGRAS A RETER Os partidos, coligações e grupos de cidadãos eleitores devem : abrir conta bancária afecta à

Leia mais

COMISSÃO DE ASSUNTOS EUROPEUS ATA NÚMERO 14/XIII/ 1.ª SL

COMISSÃO DE ASSUNTOS EUROPEUS ATA NÚMERO 14/XIII/ 1.ª SL Aos 11 dias do mês de fevereiro de 2016, pelas 17:30 horas, reuniu a Comissão de Assuntos Europeus, na sala 6 do Palácio de S. Bento, na presença dos Senhores Deputados constantes da folha de presenças

Leia mais

SISTEMA SEMI-PRESIDENCIALISTA

SISTEMA SEMI-PRESIDENCIALISTA REPÚBLICA DE ANGOLA COMISSÃO CONSTITUCIONAL PROJECTO DE CONSTITUIÇÃO B SISTEMA SEMI-PRESIDENCIALISTA (Texto de Apresentação Pública) O Projecto B comporta 195 artigos e os seus principais aspectos são

Leia mais

REGULAMENTO PARA A ELEIÇÃO DO PRESIDENTE DA ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM DA UNIVERSIDADE DO MINHO

REGULAMENTO PARA A ELEIÇÃO DO PRESIDENTE DA ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM DA UNIVERSIDADE DO MINHO Escola Superior de Enfermagem REGULAMENTO PARA A ELEIÇÃO DO PRESIDENTE DA ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM DA UNIVERSIDADE DO MINHO ESE, JANEIRO 2010 REGULAMENTO PARA A ELEIÇÃO DO PRESIDENTE DA ESCOLA SUPERIOR

Leia mais

SONDAGEM POLÍTICA NOVEMBRO 2016 / ANTENA 1, RTP, JN E DN

SONDAGEM POLÍTICA NOVEMBRO 2016 / ANTENA 1, RTP, JN E DN SONDAGEM POLÍTICA NOVEMBRO 2016 / ANTENA 1, RTP, JN E DN Resultados dos pontos 1 e 2 sob embargo até divulgação pela Antena 1, RTP, JN e DN no dia 25 de novembro às 07h00 (e versões impressas de dia 25)

Leia mais

CURSO FORMAÇÃO CIDADÃ DEMOCRACIA REPRESENTATIVA. Victor Barau

CURSO FORMAÇÃO CIDADÃ DEMOCRACIA REPRESENTATIVA. Victor Barau CURSO FORMAÇÃO CIDADÃ DEMOCRACIA REPRESENTATIVA Victor Barau 1- O Conceito da palavra Democracia Democracia demos = povo, e kratos = autoridade Origem Conceito Moderno: Revoluções Francesa e Americana.

Leia mais

INTERVENÇÃO DE TRIBUNA DO DEPUTADO RICARDO RAMALHO POLÍTICAS DE JUVENTUDE, EMPREGO JOVEM E FORMAÇÃO PROFISSIONAL

INTERVENÇÃO DE TRIBUNA DO DEPUTADO RICARDO RAMALHO POLÍTICAS DE JUVENTUDE, EMPREGO JOVEM E FORMAÇÃO PROFISSIONAL INTERVENÇÃO DE TRIBUNA DO DEPUTADO RICARDO RAMALHO POLÍTICAS DE JUVENTUDE, EMPREGO JOVEM E FORMAÇÃO PROFISSIONAL Senhor Presidente Senhoras e Senhores Deputados Senhor Presidente do Governo Senhoras e

Leia mais

PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS. Proposta de Lei n.º 36/XII. Exposição de Motivos

PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS. Proposta de Lei n.º 36/XII. Exposição de Motivos Proposta de Lei n.º 36/XII Exposição de Motivos O Estado Português, através da assinatura do Memorando de Políticas Económicas e Financeiras, assumiu perante a União Europeia, o Fundo Monetário Internacional

Leia mais

O Código Contributivo e a competitividade da economia: implicações num contexto de crise

O Código Contributivo e a competitividade da economia: implicações num contexto de crise O Código Contributivo e a competitividade da economia: implicações num contexto de crise Carlos Loureiro 30 de Novembro de 2010 Tópicos a abordar 1. A competitividade e o factor trabalho 2. Impacto das

Leia mais

PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS. Proposta de Lei n.º 36/XII. Exposição de Motivos

PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS. Proposta de Lei n.º 36/XII. Exposição de Motivos Proposta de Lei n.º 36/XII Exposição de Motivos O Estado Português, através da assinatura do Memorando de Políticas Económicas e Financeiras, assumiu perante a União Europeia, o Fundo Monetário Internacional

Leia mais

Despacho n.º 706-A/2014 de 15/01, DR n.º 10 Série II

Despacho n.º 706-A/2014 de 15/01, DR n.º 10 Série II Tabelas de retenção na fonte 2014 Em execução do disposto no Decreto-Lei n.º 42/91, de 22 de janeiro, diploma quadro do regime de retenção na fonte em sede de imposto sobre o rendimento das pessoas singulares

Leia mais