C R I S T I A N I S M O

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "C R I S T I A N I S M O"

Transcrição

1 CRISTIANISMO A fé pede Dia 22 de fevereiro é o aniversário da morte de Dom Luigi Giussani. Recordando-o com gratidão e esperança, publicamos algumas frases suas sobre a oração. Todas poderiam se resumir na expressão de Santo Agostinho: Aquilo que a lei ordena, a fé pede

2 Arquivo de 30Dias - Janeiro de 2008 vetera etnova Nestas páginas, algumas imagens dos mosaicos da Catedral de Monreale, Palermo, século XII; na página ao lado, Jesus cura a hemorroíssa, detalhe. A expressão de Agostinho A fé pede que dá o título a essas páginas é extraída de De Spiritu et littera 13, 22. O último encontro de Dom Giussani com João Paulo II, Praça de São Pedro, 30 de maio de 1998 Ao grito desesperado do pastor Brand, no homônimo drama de Ibsen ( Responde-me, ó Deus, na hora em que a morte me engole: não é, então, suficiente toda a vontade de um homem para conseguir uma só parcela de salvação? ), corresponde a humilde positividade de Santa Teresinha do Menino Jesus, que escreve: Quando vivo a caridade, é somente Jesus que age em mim. Tudo isto significa que a liberdade do homem, sempre implicada pelo Mistério, tem como forma suprema e inatacável de expressão a oração. Por isto, a liberdade se coloca, segundo toda a sua verdadeira natureza, como pedido de adesão ao Ser, portanto, a Cristo. (Palavras pronunciadas diante de João Paulo II, Roma, Praça de São Pedro, 30 de maio de 1998) 73

3 CRISTIANISMO A fé pede É Cristo [a] presença que salva. Então, a nós, cabe pedi-lo. O pedido da presença de Cristo dentro de cada situação e ocasião da vida : nessa palavra do Papa pode-se resumir toda a ascese. (L opera del movimento. La fraternità di Comunione e liberazione. Cinisello Balsamo, Milão, ed. San Paolo, 2002, p. 177) E a ascese é justamente isto: que se torne em nós familiar, apesar de tudo, o pedido da presença de Cristo em qualquer situação da vida; a Cristo, presença que salva. A nós cabe caminhar sem deixar de pedir. (Em busca do rosto do homem. São Paulo, ed. Companhia Ilimitada, 1996, p. 110) O pedido da presença de Cristo em cada situação e ocasião da vida é uma frase do Papa, isso é a ascese. Que se torne familiar em nós o pedido da presença de Cristo em cada situação e ocasião da vida, isso é a ascese. (L opera del movimento. La fraternità di Comunione e liberazione. Cinisello Balsamo, Milão, ed. San Paolo, 2002, p. 176) 74

4 Arquivo de 30Dias - Janeiro de 2008 vetera etnova Jesus cura os dois cegos, detalhe 75

5

6 Arquivo de 30Dias - Janeiro de 2008 vetera etnova Tra il dire e il fare c è di mezzo il mare [entre o dizer e o fazer, existe um mar]. Foi o título de um dos nossos primeiros encontros no primeiro ano no Berchet. Tra il dire e il fare c è di mezzo il mare. Mas existe uma outra fórmula, que é quase igual quase igual nas palavras : Tra il dire e il fare c è di mezzo il domandare [entre o dizer e o fazer, existe o pedir]. (Si può (veramente?!) vivere così? Milão, ed. Bur, 1996, p. 377) Portanto, a força do pedido é o outro que está presente, não você. Essa é a diferença entre toda a grandeza de alma do homem seja epicurista, seja estóico, conforme as várias versões e o cristão. Para o homem comum, o importante é aquilo que ele é capaz de fazer, capaz de superar (seja ele estóico ou epicurista). Já o cristão... é como uma criança: está todo inclinado para a presença da mãe, do pai, do outro. É a força de Deus. (Una presenza che cambia. Milão, ed. Bur, 2004, p. 122) Jesus salva Pedro das águas 77

7 CRISTIANISMO A fé pede Esse é o trabalho? É claro; daí se entende que o trabalho, em última instância, é oração, ou seja, um pedido: o pedido a Deus de que reponha você nos trilhos, lhe dê equilíbrio outra vez, torne seus olhos lúcidos novamente, dê força ao seu coração. Então você entende que ler os salmos das Laudes, da Hora Média, das Vésperas e das Completas, ler os salmos com atenção renova-o por inteiro, serve para renová-lo por inteiro. (Una presenza che cambia. Milão, ed. Bur, 2004, p. 115) Ele [Jesus] é o destino, pois é Deus, que passa pela proposta e pela indicação que dá à sua liberdade, é o destino que se submete à sua liberdade, que o ama tanto a ponto de condicionar-se à sua liberdade. E não à sua liberdade como acontecimento heróico, pois, diante da escolha do destino, o tema é tamanho que intimaria à imaginação um gesto heróico: a liberdade, a escolha da liberdade (de fato, todo o mundo infla isso aqui!). Mas não: Jesus é o destino que indica e se propõe à sua liberdade no que ela tem de mais infantil, mais ingênuo e bom, mais elementar, que é o pranto ou o pedido. (L attrattiva Gesù. Milão, ed. Bur, 1999, p. 290) 78

8 Arquivo de 30Dias - Janeiro de 2008 vetera etnova Cura dos dez leprosos, detalhe 79

9 CRISTIANISMO A fé pede Devemos pedir a força do Pai, a força de Deus. A força de Deus é um homem, a misericórdia de Deus tem um nome na história: Jesus Cristo, diz o Papa na encíclica que citei. Nós devemos pedir Jesus! Vem, Senhor Jesus. Vem, Senhor é o grito que sintetiza toda a história humana, a história da relação entre o homem e Deus na Bíblia. Peguem a Bíblia, vejam na última página, as últimas palavras são estas: Vem, Senhor. Devemos rezar. É uma mendicância, não é uma força, mas a extrema fraqueza, a expressão extrema da consciência da fraqueza que existe em nós. A consciência da nossa fraqueza se torna mendicância. A mendicância é a última possibilidade de força adequada ao nosso destino, torna o homem adequado ao destino. Normalmente, isso se chama oração. (Avvenimento di libertà. Conversazioni con giovani universitari. Gênova, ed. Marietti, 2002, p. 56) Quer dizer então que o pedido também é um milagre? É claro, ninguém pode dizer Senhor Jesus, a não ser no Espírito. É como se alguém pretendesse existir ao menos três fios de cabelo por si só. Nem mesmo um fio de cabelo! Você não pode acrescentar nem um fio de cabelo à sua cabeça (sim, pode usar alguma loção, mas não serve para nada!). O verdadeiro problema é que o pedido já é um milagre. É a primeira forma da coerência, da realização de si, da própria liberdade. Rezar é um milagre, e é preciso aceitar o milagre. (L attrattiva Gesù. Milão, ed. Bur, 1999, p. 216) 80

Os quatro "passos" da leitura orante

Os quatro passos da leitura orante A leitura orante nada mais é do que a maneira como gerações e gerações de judeus e cristãos leram as Sagradas Escrituras, procurando nelas uma palavra do Deus vivo para a sua vida, em cada momento de sua

Leia mais

Salmo 23.

Salmo 23. Anésio Rodrigues Salmo 23 www.bible.com/pt-br Bondade e Misericórdia me seguirão (Estudo sobre o Salmo 23) Salmo 23 Nova Versão Internacional Salmo 23 O Senhor é o meu pastor; de nada terei falta. Salmo

Leia mais

EU CREIO NA PALAVRA DE DEUS (1 Rs ; Lc 5.1-6)

EU CREIO NA PALAVRA DE DEUS (1 Rs ; Lc 5.1-6) EU CREIO NA PALAVRA DE DEUS (1 Rs 17.8-16; Lc 5.1-6) 1 Comentar Elias e a viúva de Sarepta As palavras têm muito poder. Sua boca tem que falar palavra de Deus, não palavra religiosa. Tens que dizer: a

Leia mais

21. Sujeitem-se uns aos outros, por temor a Cristo. 22. Mulheres, sujeite-se cada uma a seu marido, como ao Senhor, 23. pois o marido é o cabeça da

21. Sujeitem-se uns aos outros, por temor a Cristo. 22. Mulheres, sujeite-se cada uma a seu marido, como ao Senhor, 23. pois o marido é o cabeça da 21. Sujeitem-se uns aos outros, por temor a Cristo. 22. Mulheres, sujeite-se cada uma a seu marido, como ao Senhor, 23. pois o marido é o cabeça da mulher, como também Cristo é o cabeça da igreja, que

Leia mais

Sei que estou sendo até pretensioso com este trabalho, mas quero que saibam que estou apenas escrevendo o que está em meu coração quando estou a

Sei que estou sendo até pretensioso com este trabalho, mas quero que saibam que estou apenas escrevendo o que está em meu coração quando estou a Sei que estou sendo até pretensioso com este trabalho, mas quero que saibam que estou apenas escrevendo o que está em meu coração quando estou a meditar sobre a Bíblia Sagrada, com Fé, Esperança e Caridade

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 1) Oração Quarta-feira da 5ª Semana da Quaresma Ó Deus de

Leia mais

QUAL O TEMPLO QUE DEUS HABITA AGORA?

QUAL O TEMPLO QUE DEUS HABITA AGORA? SÉRIE Por que precisamos ser cheios do Espírito Santo mais do que tudo? QUAL O TEMPLO QUE DEUS HABITA AGORA? Espírito Santo grego: parakletos CONSOLADOR CONSELHEIRO AUXILIADOR AMIGO Aquele que está ao

Leia mais

TEMOS QUE CRIAR ENRAIZAMENTO AOS PRINCÍPIOS.

TEMOS QUE CRIAR ENRAIZAMENTO AOS PRINCÍPIOS. Em João 6:66 vemos que um grupo de discípulos abandonam a Jesus. Todavia, o que me deixa curioso, é como alguém, sendo verdadeiramente convertido, consegue abandonar a Cristo? Ou pior; como aqueles discípulos

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 1) Oração Quinta-feira da 29ª Semana do Tempo Comum Deus

Leia mais

O amor O faz diferente!

O amor O faz diferente! O amor O faz diferente! Quem eu deveria ser? Que as escrituras apresentam o homem como criatura de Deus Criado diretamente por Deus Colocado em posição exaltada Que o homem foi feito a imagem e semelhança

Leia mais

A MULHER QUE ESTAVA PERTO DO

A MULHER QUE ESTAVA PERTO DO Bíblia para crianças apresenta A MULHER QUE ESTAVA PERTO DO POÇO Escrito por: Edward Hughes Ilustradopor:Lazarus Adaptado por: Ruth Klassen O texto bíblico desta história é extraído ou adaptado da Bíblia

Leia mais

Unção De Luiz Carlos Cardoso CD EM TUA PRESENÇA

Unção De Luiz Carlos Cardoso CD EM TUA PRESENÇA Unção De Luiz Carlos Cardoso CD EM TUA PRESENÇA Vem, Espírito, vem Vem e inunda meu coração Espírito de Deus vem Sobre mim com unção O Espírito de Deus tem poder Para transformar O Espírito de Deus tem

Leia mais

Dez Passos para Remir o Tempo na Sua Vida

Dez Passos para Remir o Tempo na Sua Vida Dez Passos para Remir o Tempo na Sua Vida O dia de ontem já é passado. Amanhã ainda é futuro, mas o dia de hoje é uma dádiva... é por isso que se chama Presente! Sua vida cristã é uma jornada, e não simplesmente

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SÁTÃO CURRÍCULO DISCIPLINAR 3º ANO EDUCAÇÃO MORAL E RELIGIOSA CATÓLICA (EMRC) (SNEC)

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SÁTÃO CURRÍCULO DISCIPLINAR 3º ANO EDUCAÇÃO MORAL E RELIGIOSA CATÓLICA (EMRC) (SNEC) AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SÁTÃO CURRÍCULO DISCIPLINAR 3º ANO EDUCAÇÃO MORAL E RELIGIOSA CATÓLICA (EMRC) (SNEC) 2015-16 3 º ANO Unidade Letiva 1 A Dignidade das Crianças 1. Tomar consciência de que as crianças

Leia mais

(ANÁMNESIS) ATUALIZAÇÃO DA GRAÇA - SETENÁRIO SACRAMENTAL

(ANÁMNESIS) ATUALIZAÇÃO DA GRAÇA - SETENÁRIO SACRAMENTAL SACRAMENTOS - III (ANÁMNESIS) ATUALIZAÇÃO DA GRAÇA - SETENÁRIO SACRAMENTAL - 1 COMO OS SACRAMENTOS ATUALIZAM A GRAÇA NAS DIVERSAS SITUAÇÕES DA VIDA 2 1. O QUE ACONTECE NO BATISMO? 3 NO BATISMO, A PESSOA

Leia mais

Antes de começar, precisamos reconhecer que

Antes de começar, precisamos reconhecer que Antes de começar, precisamos reconhecer que toda pessoa de fé tem dúvidas toda pessoa cética tem fé A dúvida do crente: Uma fé sem algumas dúvidas é como um corpo sem anticorpos Tim Keller A fé do cético:

Leia mais

21. Sujeitem-se uns aos outros, por temor a Cristo. 22. Mulheres, sujeite-se cada uma a seu marido, como ao Senhor, 23. pois o marido é o cabeça da

21. Sujeitem-se uns aos outros, por temor a Cristo. 22. Mulheres, sujeite-se cada uma a seu marido, como ao Senhor, 23. pois o marido é o cabeça da 21. Sujeitem-se uns aos outros, por temor a Cristo. 22. Mulheres, sujeite-se cada uma a seu marido, como ao Senhor, 23. pois o marido é o cabeça da mulher, como também Cristo é o cabeça da igreja, que

Leia mais

Rosário todos os dias. Este pedido de Nossa Senhora confirma o que disseram grandes Santos sobre os benefícios dessa devoção:

Rosário todos os dias. Este pedido de Nossa Senhora confirma o que disseram grandes Santos sobre os benefícios dessa devoção: O Santo é considerado uma oração completa, porque traz em síntese toda a história da nossa salvação. Desde o inicio das aparições em Medjugorje, Nossa Senhora nos pede com frequência para rezarmos o todos

Leia mais

MANUAL DE CÉLULAS PASTOR TONY SILVEIRA

MANUAL DE CÉLULAS PASTOR TONY SILVEIRA MANUAL DE CÉLULAS PASTOR TONY SILVEIRA 2000 Tony Silveira Todos os Direitos reservados. Proibida a Reprodução não Autorizada PRINCÍPIOS DE ORAÇÃO INDICE 1. ORAÇÃO EFICAZ 3 2. ORAÇÃO POR NÓS PRÓPRIOS 4

Leia mais

O encontro como Graça

O encontro como Graça Editorial O encontro como Graça Como editorial deste número publicamos um texto de Dom Luigi Giussani. O texto foi extraído de Appunti di metodo cristiano, um livro editado em Milão pelo movimento Gioventù

Leia mais

Aula 10. 2º Semestre. Hebreus 1-10

Aula 10. 2º Semestre. Hebreus 1-10 Novo Testamento Aula 10 2º Semestre Hebreus 1-10 Lição 46 Prossigamos até a perfeição Lição 47 Pelo Sangue Sereis Santificados Hebreus Escrito por Paulo Aprox. 67 ou 68 AD Pois Paulo morreu em 68AD Hebreus

Leia mais

Comentário da Mensagem nº 27, de 01/04/1988

Comentário da Mensagem nº 27, de 01/04/1988 Comentário da Mensagem nº 27, de 01/04/1988 Vamos meditar a Mensagem nº 27, de 01/04/1988, numa Sextafeira Santa, em que Nossa Senhora transmitiu a Pedro Regis. Para ver a mensagem, clique aqui. Sobre

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 1) Oração Sábado da 3ª Semana da Quaresma Ó Deus, alegrando

Leia mais

om Bosco foi um santo de um coração generoso e tão vasto como as areias das praias do mar, diz uma canção. Dom Bosco aprende a amar em casa, no seio

om Bosco foi um santo de um coração generoso e tão vasto como as areias das praias do mar, diz uma canção. Dom Bosco aprende a amar em casa, no seio om Bosco foi um santo de um coração generoso e tão vasto como as areias das praias do mar, diz uma canção. Dom Bosco aprende a amar em casa, no seio materno. Certamente com sua mamãe, Margarida Occhiena,

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM Terça-feira da 32ª Semana do Tempo Comum 1) Oração Deus de

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM Sábado da 27ª Semana do Tempo Comum 1) Oração Ó Deus eterno

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 1) Oração Sexta-feira da 4ª Semana da Quaresma Ó Deus, que

Leia mais

A HORA DO TERÇO. Venda Proibida

A HORA DO TERÇO. Venda Proibida A HORA DO TERÇO Venda Proibida TERÇO DA MISERICÓRDIA NO INÍCIO : Pai Nosso... ; Ave Maria... ; Creio... NAS CONTAS GRANDES DO PAI NOSSO: Eterno Pai, eu vos ofereço o Corpo e Sangue, Alma e Divindade de

Leia mais

E nós conhecemos, e cremos no amor de Deus que nos tem. Deus é amor; e quem está em amor está em Deus, e Deus nele. I João 4:16

E nós conhecemos, e cremos no amor de Deus que nos tem. Deus é amor; e quem está em amor está em Deus, e Deus nele. I João 4:16 E nós conhecemos, e cremos no amor de Deus que nos tem. Deus é amor; e quem está em amor está em Deus, e Deus nele. I João 4:16 INTRODUÇÃO A pregação do Amor de Deus, por ser a primeira em uma série de

Leia mais

1. Você foi convocado! 2. Jogue ofensivamente! 3. Não descuide da defesa! 4. Entre para a história! 5. Aplique-se a concentração

1. Você foi convocado! 2. Jogue ofensivamente! 3. Não descuide da defesa! 4. Entre para a história! 5. Aplique-se a concentração 1. Você foi convocado! 2. Jogue ofensivamente! 3. Não descuide da defesa! 4. Entre para a história! 5. Aplique-se a concentração A IMPORTÂNCIA DA CONCENTRAÇÃO NA VIDA DO ATLETA Concentração é capacidade

Leia mais

Primeira Estação Jesus é condenado à Morte

Primeira Estação Jesus é condenado à Morte Primeira Estação Jesus é condenado à Morte Várias pessoas falam ao mesmo tempo e no meio dessas vozes uma pessoa diz: Pessoa 1 - Vamos levar Jesus até Pilatos. Pessoa 2 - É Pilatos quem decide se ele morre

Leia mais

1.a Edição. Diagramação, revisão e capa: Renato J. Oliveira.

1.a Edição. Diagramação, revisão e capa: Renato J. Oliveira. 1 1.a Edição 2016 Diagramação, revisão e capa: Renato J. Oliveira Proibida a reprodução por quaisquer meios (mecânicos, eletrônicos, xerográficos, etc.), exceto em citações breves com indicação da fonte.

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 1) Oração Sábado da 25ª Semana do Tempo Comum Ó Pai, que

Leia mais

As melhores coisas da vida são de graça. Não creiam nisso!

As melhores coisas da vida são de graça. Não creiam nisso! As melhores coisas da vida são de graça. Não creiam nisso! As melhores coisas da vida não são de graça. Sucesso e vitória não vêm sozinhos, requerem preparo e realização. A amizade não é unilateral; para

Leia mais

Vocês cristãos dizem que precisamos ser salvos, que precisamos de um redentor. Mas salvos de quê ou de quem? Eu sou uma pessoa boa e tenho uma boa

Vocês cristãos dizem que precisamos ser salvos, que precisamos de um redentor. Mas salvos de quê ou de quem? Eu sou uma pessoa boa e tenho uma boa Vocês cristãos dizem que precisamos ser salvos, que precisamos de um redentor. Mas salvos de quê ou de quem? Eu sou uma pessoa boa e tenho uma boa vida, não preciso de redenção. Algumas considerações e

Leia mais

Onde tem criança tem chama Ministério para Crianças convida para Mobilização Nacional de Oração Seg, 16 de Setembro de :30

Onde tem criança tem chama Ministério para Crianças convida para Mobilização Nacional de Oração Seg, 16 de Setembro de :30 O Encontro Nacional de Evangelizadores para Crianças significou um marco para os participantes que se reuniram do Distrito Federal entre os dias 6 a 8 de setembro. Dentre várias moções e palavras de motivação

Leia mais

ESTUDO BÍBLICO I A SALVAÇÃO EM JESUS CRISTO SAMUEL CORNÉLIO

ESTUDO BÍBLICO I A SALVAÇÃO EM JESUS CRISTO SAMUEL CORNÉLIO ESTUDO BÍBLICO I A SALVAÇÃO EM JESUS CRISTO SAMUEL CORNÉLIO AGOSTO 2016 www.abracandoapalavra.org A Salvação em JESUS CRISTO Um Novo Nascimento De acordo com a Bíblia, O Santo, Eterno, Soberano e Todo

Leia mais

1º REVEZAMENTO TEMÁTICO NA E.B.Q. JANEIRO E FEVEREIRO DE 2013 TEMA: ORIENTAÇÃO FAMILIAR

1º REVEZAMENTO TEMÁTICO NA E.B.Q. JANEIRO E FEVEREIRO DE 2013 TEMA: ORIENTAÇÃO FAMILIAR 1º REVEZAMENTO TEMÁTICO NA E.B.Q. JANEIRO E FEVEREIRO DE 2013 TEMA: ORIENTAÇÃO FAMILIAR PROFESSORES: Davi Mendes e Cristiane Marinho FAMÍLIA ¹Família 1. Conjunto de pessoas do mesmo sangue. 2. Conjunto

Leia mais

TERCEIRA SEMANA O PODER DA ORAÇÃO

TERCEIRA SEMANA O PODER DA ORAÇÃO TERCEIRA SEMANA O PODER DA ORAÇÃO Deus ouve e responde nossas orações. I A BASE DA ORACÃO: O NOME DE JESUS. E tudo quanto pedirdes em meu nome, isso farei, a fim de que o Pai seja glorificado no Filho.

Leia mais

Sara Borges. Ilustrado por: João Horta

Sara Borges. Ilustrado por: João Horta Sara Borges Ilustrado por: João Horta Título: Dislexia Autor: Sara Borges Ilustração: João Horta 1º Edição: Novembro 2012 ISNB: 978-3-16-148410-0 Porto Editora Rua da Restauração, 365 4099-023 Porto Eu

Leia mais

Pontos importantes de serem lembrados: - Pedro escreveu para cristãos que passavam por dificuldades e passariam por maiores sofrimentos ainda;

Pontos importantes de serem lembrados: - Pedro escreveu para cristãos que passavam por dificuldades e passariam por maiores sofrimentos ainda; Mensagens em 1 Pedro Sermão manhã Ibfé 27Dez2015 Pr. Cantoca Introdução: Pontos importantes de serem lembrados: - Pedro escreveu para cristãos que passavam por dificuldades e passariam por maiores sofrimentos

Leia mais

Pensamento Positivo. Pr. Rodrigo Moraes

Pensamento Positivo. Pr. Rodrigo Moraes Pensamento Positivo Pr. Rodrigo Moraes Pensamento Positivo Pastor Rodrigo Moraes Igreja Nova Aliança Ministério Atraindo Vidas Para Deus - AVD 2015 Prefácio Esta é uma obra com o intuito de mostrar com

Leia mais

o passado já não é mais e o futuro não é ainda.

o passado já não é mais e o futuro não é ainda. o passado já não é mais e o futuro não é ainda. Santo Agos*nho Uma pesquisa realizada no Brasil pela Associação Internacional de Stress, com cerca de 700 pessoas com idade entre 25 e 55 anos indicou que

Leia mais

A história de Jesus Vida e Ministério

A história de Jesus Vida e Ministério Tema A história de Jesus Vida e Ministério Introdução ao NOVO TESTAMENTO Nova Aliança > Veja Jesus em Lc.22:20 Introdução ao NOVO TESTAMENTO Nova Aliança > Veja Jesus em Lc.22:20 Aliança = Pode-se aceitar

Leia mais

São resultado desses encontros as notas que a seguir partilhamos.

São resultado desses encontros as notas que a seguir partilhamos. Nas quintas-feiras do mês de Maio, decorreram na Igreja de Oliveira de Azemeis, encontros de formação litúrgica, organizados pela vigararia sul da Diocese do Porto e orientados pelo P. Frei Bernardino

Leia mais

Neste ano da Vida Religiosa Consagrada fomos motivadas pelo Papa Francisco a recordar o passado com gratidão, viver o presente com paixão e abraçar o

Neste ano da Vida Religiosa Consagrada fomos motivadas pelo Papa Francisco a recordar o passado com gratidão, viver o presente com paixão e abraçar o Neste ano da Vida Religiosa Consagrada fomos motivadas pelo Papa Francisco a recordar o passado com gratidão, viver o presente com paixão e abraçar o futuro com esperança. Como o testemunho de vida da

Leia mais

Metodologia da Infância Missionária: as quatro áreas integradas

Metodologia da Infância Missionária: as quatro áreas integradas Metodologia da Infância Missionária: as quatro áreas integradas A I.M. é um estilo de vida, portanto não é algo que aprendemos de uma hora para outra, mas ensinamentos que adquirimos com o tempo. Por isso

Leia mais

Depoimentos das Irmãs Jubilares e Junioristas das Irmãs Franciscanas da Penitência e Caridade Cristã

Depoimentos das Irmãs Jubilares e Junioristas das Irmãs Franciscanas da Penitência e Caridade Cristã Depoimentos das Irmãs Jubilares e Junioristas das Irmãs Franciscanas da Penitência e Caridade Cristã Celebrar o jubileu é fazer memória da caminhada de 50 anos de Vida Religiosa Consagrada Franciscana

Leia mais

Dia de Todos os Santos

Dia de Todos os Santos 1 «Vinde a Mim, vós todos os que andais cansados e oprimidos e Eu vos aliviarei, diz o Breve comentário: As Bem-aventuranças revelam a realidade misteriosa da vida em Deus, iniciada no Baptismo. Aos olhos

Leia mais

Louvor de Raízes: Infinitamente

Louvor de Raízes: Infinitamente Louvor de Raízes: Infinitamente Deus dos Antigos Tu és Santo Em todo o tempo eu louvarei ao Senhor Ergamos nossa voz Nas estrelas louvor Maravilhoso - louvor A Ti Senhor (Nós te buscaremos) Palavra - Infinitamente

Leia mais

Aula 08 Terceiro Colegial.

Aula 08 Terceiro Colegial. Aula 08 Terceiro Colegial Cristianismo: Entre a Fé e a Razão Busca por uma base racional para sustentar a fé Formulações filosóficas se estendendo por mais de mil anos Cristianismo Palavra de Jesus, que

Leia mais

MISSA - A COMUNIDADE SE REÚNE PARA CELEBRAR A VIDA

MISSA - A COMUNIDADE SE REÚNE PARA CELEBRAR A VIDA MISSA - A COMUNIDADE SE REÚNE PARA CELEBRAR A VIDA A Eucaristia é o sacramento que atualiza e faz a memória do sacrifício de Jesus: em cada Eucaristia temos a presença do Cristo que pela sua morte e ressurreição

Leia mais

Colégio Nossa Senhora da Piedade

Colégio Nossa Senhora da Piedade Colégio Nossa Senhora da Piedade Dados de identificação: Curso: Ensino Fundamental II Série: 9 Ano Professora: Denise dos Santos Silva Rocha Disciplina: Ensino Religioso Ano: 2016. Plano de curso 1-Objetivo

Leia mais

Luzes dos Documentos Conciliares Para a Nova Evangelização

Luzes dos Documentos Conciliares Para a Nova Evangelização Luzes dos Documentos Conciliares Para a Nova Evangelização Prof. Denilson A. Rossi O que se entende por Nova Evangelização? Quais são as luzes dos documentos conciliares para a Nova Evangelização? Em que

Leia mais

Você é capaz de se lembrar como se conjuga os verbos? Lembra? É... eu também não gostava muito disso, sabia? Então vamos lembrar juntos:

Você é capaz de se lembrar como se conjuga os verbos? Lembra? É... eu também não gostava muito disso, sabia? Então vamos lembrar juntos: Bem, hoje gostaria de falar sobre algo que talvez você não goste nem um pouco: nossa querida Língua Portuguesa Ah, fala sério pastor! Vai dar aula de Português? Obviamente não! Vou apenas compartilhar

Leia mais

LITURGIA. Igreja Presbiteriana do Brasil. 24 de Abril de 2016

LITURGIA. Igreja Presbiteriana do Brasil. 24 de Abril de 2016 LITURGIA Igreja Presbiteriana do Brasil 24 de Abril de 2016 1 Oração de Louvor e Adoração 2 Abertura - Hino Louvor 3 Leitura Salmo 138.1-8 4 Hino Perdão 5 Leitura - Salmo 51.1-7 6 Oração de Confissão de

Leia mais

O Caminho da Vontade de Deus NO TEMPO EM QUE OS REIS SAEM A GUERRA

O Caminho da Vontade de Deus NO TEMPO EM QUE OS REIS SAEM A GUERRA O Caminho da Vontade de Deus NO TEMPO EM QUE OS REIS SAEM A GUERRA Um campo de batalha Meu casamento Efésios 6: 10-18 Efésios 6: 10-18 No demais, irmãos meus, fortalecei-vos no Senhor e na força do seu

Leia mais

Nº19A Domingo IV da Quaresma

Nº19A Domingo IV da Quaresma Nº19A Domingo IV da Quaresma-30.3.2014 Viver na luz! Abri os olhos! Imagina alguém a viver sempre numa casa de janelas fechadas: sem ar, sem luz, sem ver ninguém, fechado em si próprio, impermeável a tudo.

Leia mais

Roteiro de leitura e síntese para compreender. o significado da Comunidade Eclesial

Roteiro de leitura e síntese para compreender. o significado da Comunidade Eclesial Roteiro de leitura e síntese para compreender o significado da Comunidade Eclesial Comunidade Eclesial Sinal do Reino no presente e no futuro O livro está dividido em 4 capítulos: Refletindo sobre Comunidade

Leia mais

A leitura da Bíblia. questões centrais

A leitura da Bíblia. questões centrais questões centrais O que é a Bíblia? Quem é o autor e como escreveu? O que é o tema central? Por quê devo lê-la? Quando devo lê-la? Como? Requisitos? Como? Ajuda? Um novo propósito! o que é a Bíblia (1)

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM Terça-feira da 22ª Semana do Tempo Comum 1) Oração Deus do

Leia mais

MOMENTO CÂNTICO LIVRO PÁGINA

MOMENTO CÂNTICO LIVRO PÁGINA PROGRAMA DE CÂNTICOS TEMPO COMUM DEPOIS DA PÁSCOA ANO C SÉRIE 3 VIII DOMINGO SANTÍSSIMA TRINDADE 22 V 2016 Entrada Pai, Filho, Espírito Santo CEC II 162 S. Resp. Digno de louvor e glória SRML 174 Ofertório

Leia mais

AULA 2 A NOIVA DE CRISTO

AULA 2 A NOIVA DE CRISTO AULA 2 A NOIVA DE CRISTO A Noiva de Cristo A parábola das dez virgens (Mt 25:1-13) i. O reino dos céus é semelhante isto nos mostra como o reino de Deus deve ser em sua plenitude. 1. Não o reino dos céus

Leia mais

Cânticos de Acolhimento

Cânticos de Acolhimento 13 JUNTO AO MAR Junto ao mar, eu ouvi hoje, Senhor, Tua voz que me chamou e me pediu que me entregasse a meu irmão. Essa voz me transformou, a minha vida ela mudou e só penso agora, Senhor, em repetir-te:

Leia mais

Aqueles cristãos insensatos

Aqueles cristãos insensatos Aqueles cristãos insensatos Ser cristão significa ser «um pouco louco», pelo menos segundo a lógica mundana. Não auto referencial, porque sozinho nada se consegue fazer e exatamente para que não nos assustemos

Leia mais

O Amor deve reger nossa Obediência João

O Amor deve reger nossa Obediência João O Amor deve reger nossa Obediência João 14.15-31 15 "Se vocês me amam, obedecerão aos meus mandamentos. 16 E eu pedirei ao Pai, e ele lhes dará outro Conselheiro para estar com vocês para sempre, 17 o

Leia mais

Nº 35 C Domingo XXX do Tempo Comum

Nº 35 C Domingo XXX do Tempo Comum Nº 35 C Domingo XXX do Tempo Comum-27.10.13 Se eu for como o fariseu, rezo só a falar em mim: EU...EU...EU... Eu, Senhor, sou o melhor de todos. Eu não sou mentiroso, como os meus colegas. Eu digo bom-dia

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 1) Oração Quinta feira da 3ª Semana da Quaresma À medida

Leia mais

1- Salvação Senhor, deixe a Salvação. 3 Amor Permita, Senhor, que meus filhos

1- Salvação Senhor, deixe a Salvação. 3 Amor Permita, Senhor, que meus filhos 1- Salvação Senhor, deixe a Salvação florescer dentro dos meus filhos, para que eles obtenham a Salvação de Cristo Jesus, com glória eterna. (2 Timóteo 2:10) 2 Crescimento na Graça Eu oro para que eles

Leia mais

1 EU - PESSOA. Meu corpo muda e se constrói minha identidade. Na construção do amor

1 EU - PESSOA. Meu corpo muda e se constrói minha identidade. Na construção do amor Meu corpo muda e se constrói minha identidade Quando eu era criança, falava como uma criança ( ) Quando me tornei um homem, terminei com as coisas de criança. 1 Cor 13,11 1 Quando eu era criança, falava

Leia mais

Salmo 23:! Viva uma vida com tranquilidade

Salmo 23:! Viva uma vida com tranquilidade Anésio Rodrigues Salmo 23 Salmo 23:! Viva uma vida com tranquilidade Salmo 23 O SENHOR é o meu pastor; e nada me faltará. Salmo 23 Deitar-me faz em verdes pastos, guia-me mansamente a águas tranquilas.

Leia mais

SANTO AGOSTINHO E O CRISTIANISMO

SANTO AGOSTINHO E O CRISTIANISMO SANTO AGOSTINHO SANTO AGOSTINHO E O CRISTIANISMO Aos 28 anos, Agostinho partir para Roma. Estava cansando da vida de professor em Cartago e acreditava que em Roma encontraria alunos mais capazes. Em Milão,

Leia mais

Índice. Dia 1 - COMPAIXÃO PELA HUMANIDADE Dia 2 - COMPAIXÃO PELOS INCURÁVEIS Dia 3 - COMPAIXÃO FRENTE À MORTE...06

Índice. Dia 1 - COMPAIXÃO PELA HUMANIDADE Dia 2 - COMPAIXÃO PELOS INCURÁVEIS Dia 3 - COMPAIXÃO FRENTE À MORTE...06 Índice Apresentação... 03 Dia 1 - COMPAIXÃO PELA HUMANIDADE...04 Dia 2 - COMPAIXÃO PELOS INCURÁVEIS...05 Dia 3 - COMPAIXÃO FRENTE À MORTE...06 Dia 4 - COMPAIXÃO PELOS IMPERDOÁVEIS...07 Dia 5 - COMPAIXÃO

Leia mais

Músicas para missa TSL

Músicas para missa TSL Músicas para missa TSL Músicas antes da entrada Anjos Se acontecer um barulho perto de você é um anjo chegando para receber suas orações e levá-las à Deus. Então abra o coração e comece a louvar, sinta

Leia mais

Por que e para que Jesus morreu na cruz? Evangelho de João

Por que e para que Jesus morreu na cruz? Evangelho de João Por que e para que Jesus morreu na cruz? Evangelho de João 3.16-17 INTRODUÇÃO Do texto lido, faço à igreja duas perguntas: Por quejesus morreu na cruz? Para que Jesus morreu na cruz? O por que e o para

Leia mais

IQV, IDH, IDHM Pirâmide de Maslow

IQV, IDH, IDHM Pirâmide de Maslow IQV, IDH, IDHM Pirâmide de Maslow IQV, IDH, IDHM Pirâmide de Maslow Taxa de divórcios, Suicídio, Etc. Em nossa cultura atual os valores familiares estão sendo questionados e quebrados. Hoje a ênfase é

Leia mais

) ) .,. MEB- 50 ANOS ";.. QUANTO AFETO, QUANTA ALEGRIA RENOVADA EM CADA ENCONTRO... VIVA A VIDA! " MARIA ALICE ~ )

) ) .,. MEB- 50 ANOS ;.. QUANTO AFETO, QUANTA ALEGRIA RENOVADA EM CADA ENCONTRO... VIVA A VIDA!  MARIA ALICE ~ ) ) 1 ) ) ).,. I ) I MEB- 50 ANOS ";.. QUANTO AFETO, QUANTA ALEGRIA RENOVADA EM CADA ENCONTRO... VIVA A VIDA! " MARIA ALICE ) ) ~ ) ( ' A MUSICA DA CAMPANHA DAS ESCOLAS RADIOFONICAS LEVANTO JUNTO COM O SOL

Leia mais

O reino de Deus é semelhante a um rei que quis ajustar contas com seus servos.

O reino de Deus é semelhante a um rei que quis ajustar contas com seus servos. O reino de Deus é semelhante a um rei que quis ajustar contas com seus servos. Um deles lhe devia dez mil talentos. Como não tivesse como pagar tudo, o rei mandou que fossem vendidos ele e toda sua família.

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA A PASTORAL DO DÍZIMO

ORIENTAÇÕES PARA A PASTORAL DO DÍZIMO ORIENTAÇÕES PARA A PASTORAL DO DÍZIMO Sumário Introdução 1. A compreensão do dízimo 1.1 Os fundamentos do dízimo 1.2 O que é o dízimo? 1.3 As dimensões do dízimo 1.4 As finalidades do dízimo 2. Orientações

Leia mais

O que faz do Natal tão especial? O nascimento de Jesus Cristo é o evento mais signicante da história da humanidade.

O que faz do Natal tão especial? O nascimento de Jesus Cristo é o evento mais signicante da história da humanidade. O que faz do Natal tão especial? O nascimento de Jesus Cristo é o evento mais signicante da história da humanidade. O que faz do Natal tão especial?! O nascimento de Jesus Cristo é o evento mais signicante

Leia mais

Celebração tirada do livro Eucaristia com Crianças Tempos Fortes Pedrosa Ferreira Edições Salesianas. ocantinhodasao.com.pt/public_html.

Celebração tirada do livro Eucaristia com Crianças Tempos Fortes Pedrosa Ferreira Edições Salesianas. ocantinhodasao.com.pt/public_html. Celebração tirada do livro Eucaristia com Crianças Tempos Fortes Pedrosa Ferreira Edições Salesianas ocantinhodasao.com.pt/public_html 12 Ano B ocantinhodasao.com.pt/public_html 1 RITOS INICIAIS Hoje,

Leia mais

LIÇÃO 1 A LEI E A ALIANÇA Êxodo 19

LIÇÃO 1 A LEI E A ALIANÇA Êxodo 19 LIÇÃO 1 A LEI E A ALIANÇA Êxodo 19 1. Antes de entregar a lei, Deus já havia feito uma aliança com o povo. Em Êxodo 19.1-4, Deus lembra o povo do seu pacto, confirmado demonstrado em um fato. Qual é o

Leia mais

EU VIM PARA SERVIR? Autor: Tiago Ferro Pavan

EU VIM PARA SERVIR? Autor: Tiago Ferro Pavan EU VIM PARA SERVIR? Autor: Tiago Ferro Pavan (Entra um jovem em cena e se depara com um cartaz da campanha da fraternidade (2015). O jovem lê o lema em voz alta): JOVEM: (Lendo) Eu vim para servir! JOVEM:

Leia mais

VIA SACRA MEDITADA PELAS FAMÍLIAS REFUGIADAS DA SÍRIA. D. Samir Nassar, Arcebispo de Damasco, Síria COMISSÃO EPISCOPAL PARA A FAMÍLIA NA SÍRIA

VIA SACRA MEDITADA PELAS FAMÍLIAS REFUGIADAS DA SÍRIA. D. Samir Nassar, Arcebispo de Damasco, Síria COMISSÃO EPISCOPAL PARA A FAMÍLIA NA SÍRIA VIA SACRA MEDITADA PELAS FAMÍLIAS REFUGIADAS DA SÍRIA COMISSÃO EPISCOPAL PARA A FAMÍLIA NA SÍRIA D. Samir Nassar, Arcebispo de Damasco, Síria Felizes os que sofrem perseguição por causa da justiça, porque

Leia mais

Como fazer boas perguntas?

Como fazer boas perguntas? Adaptação do ensino aos vários estilos de aprendizagem 1 Por que fazer perguntas? Como fazer boas perguntas? Para testar a memória ou o entendimento dos alunos Para motivar os alunos a ouvir e prestar

Leia mais

Guião da celebração. Festa do Pai-Nosso. Núcleo seminário passionistas. 2º Ano de catequese. 2 Junho de 2012. Saudação inicial: Catequista:

Guião da celebração. Festa do Pai-Nosso. Núcleo seminário passionistas. 2º Ano de catequese. 2 Junho de 2012. Saudação inicial: Catequista: Guião da celebração Festa do Pai-Nosso Núcleo seminário passionistas 2º Ano de catequese 2 Junho de 2012 Saudação inicial: Catequista: Boa tarde A nossa comunidade está hoje em festa, porque as crianças

Leia mais

CATEQUESE 6 - A PAZ NA VIDA DO HOMEM

CATEQUESE 6 - A PAZ NA VIDA DO HOMEM CATEQUESE 6 - A PAZ NA VIDA DO HOMEM Em cada frase indicar em que sentido se fala da paz como: dom, conquista ou compromisso. Se a frase tiver vários sentidos, assinalá-lo. CATEQUESE 7 - A VERDADE COMO

Leia mais

EMPREENDENDO NA CRISE. Thiago Oliveira

EMPREENDENDO NA CRISE. Thiago Oliveira EMPREENDENDO NA CRISE Thiago Oliveira 10 dicas para empreender na crise OPORTUNIDADE AFASTAR-SE DO PESSIMISMO E DE PESSIMISTAS PRATICAR NOSSOS IDEAIS LIDERANÇA MUDAR A MENTALIDADE BUSCAR MELHORIAS REIVENTAR-SE

Leia mais

Eu e a Minha Casa Serviremos ao Senhor Josué 24:14-17 Introdução:

Eu e a Minha Casa Serviremos ao Senhor Josué 24:14-17 Introdução: Eu e a Minha Casa Serviremos ao Senhor Josué 24:14-17 Introdução: Jaime Kemp fez a seguinte afirmação: Nossos filhos são fustigados com ensinos que redefinem a família e promovem valores que bombardeiam

Leia mais

O Âmago do Evangelho. A justificação é o âmago do Evangelho?

O Âmago do Evangelho. A justificação é o âmago do Evangelho? O Âmago do Evangelho A justificação é o âmago do Evangelho? Introdução Qual é o centro do Evangelho? Muitos vão dizer que a justificação é a base do Evangelho, pois sem justificação não poderíamos nos

Leia mais

Impressão da Capa: Gráfica São José

Impressão da Capa: Gráfica São José Direitos autorais reservados 2013 Mario de Almeida. 1ª Edição: novembro/2013 Impressão da Capa: Gráfica São José Obras do Autor Lindos Poemas de amor - 2001 Amor em Poesias - 2003 Poemas Proibidos - 2004

Leia mais

Os vinhateiros. Referência Bíblica: Mateus

Os vinhateiros. Referência Bíblica: Mateus Os vinhateiros Referência Bíblica: Mateus 20. 1-16 Introdução: O que é de fato o Reino de Deus começa Jesus a explicar, circundado por muita gente que o escuta atentamente... Um senhor era dono de uma

Leia mais

Um chamado à oração. Letras. Editora. j. c. RyLE. Tradução Rodrigo Silva

Um chamado à oração. Letras. Editora. j. c. RyLE. Tradução Rodrigo Silva Um chamado à oração Um chamado à oração j. c. RyLE Tradução Rodrigo Silva Editora Letras Título Original: A Call to Prayer por J. C. Ryle Copyright Editora Letras 1ª edição em português: outubro de 2012

Leia mais

LEIS DA JUSTIÇA, AMOR e CARIDADE 1. O obje6vo deste tema, será o de possibilitar o entendimento das leis de jus6ça, amor e caridade.

LEIS DA JUSTIÇA, AMOR e CARIDADE 1. O obje6vo deste tema, será o de possibilitar o entendimento das leis de jus6ça, amor e caridade. LEIS DA JUSTIÇA, AMOR e CARIDADE 1 O obje6vo deste tema, será o de possibilitar o entendimento das leis de jus6ça, amor e caridade. DIREITOS NATURAIS 2 Direitos Naturais: São os mesmos para todos os indivíduos,

Leia mais

Entrado em Combate. 1o Round Pela Aliança Conjugal. 2o Round Pela Formação dos Filhos

Entrado em Combate. 1o Round Pela Aliança Conjugal. 2o Round Pela Formação dos Filhos Entrado em Combate 1o Round Pela Aliança Conjugal 2o Round Pela Formação dos Filhos Entrado em Combate 3o. Round:! Pela Honra aos Pais! Uma ordem, Um desafio e... Uma promessa! Filhos, façam o que seus

Leia mais

Breve Biografia e Seleção de Frases John Wesley

Breve Biografia e Seleção de Frases John Wesley Breve Biografia e Seleção de Frases John Wesley John Wesley Não poderia deixar de colocar aqui este servo de Deus, não especialmente ministro de curas, na verdade um dos primeiros avivalistas da história.

Leia mais

DOMINGO XV. Não está para além dos mares, para que precises de dizer: Quem irá por nós transpor os mares, para no-lo buscar e fazer ouvir,

DOMINGO XV. Não está para além dos mares, para que precises de dizer: Quem irá por nós transpor os mares, para no-lo buscar e fazer ouvir, 326 TEMPO COMUM DOMINGO XV LEITURA I Deut 30, 10-14 Leitura do Livro do Deuteronómio Moisés falou ao povo, dizendo: «Escutarás a voz do Senhor, teu Deus, cumprindo os seus preceitos e mandamentos que estão

Leia mais

Cada um destes discursos começa com uma introdução que explica as circunstâncias do seu conteúdo e o auditório a que é dirigido.

Cada um destes discursos começa com uma introdução que explica as circunstâncias do seu conteúdo e o auditório a que é dirigido. O Sermão da Montanha de que fazem parte também as "Bem-aventuranças" é o primeiro de um conjunto de cinco ensinamentos ou discursos de Jesus, apresentados todos seguidos por S. Mateus (5,1-7/29). Cada

Leia mais

A BELA HISTORIA DE JESUS DE NAZARÉ

A BELA HISTORIA DE JESUS DE NAZARÉ A BELA HISTORIA DE JESUS DE NAZARÉ AS PARABOLAS: A OVELHA PERDIDA Volume 14 Escola: Nome: Professor (a): Data: / / EU SOU O BOM PASTOR; O BOM PASTOR DÁ A SUA VIDA PELAS OVELHAS. 11 NUMERE AS OVELHINHAS

Leia mais

Como definir a Maçonaria?

Como definir a Maçonaria? 1 Como definir a Maçonaria? A Maçonaria define-se a si própria como uma «sociedade iniciática» e uma «organização filantrópica e de procura filosófica» cujos membros são recrutados por cooptação. Afirma-se

Leia mais