3.º Encontro 2015/2016

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "3.º Encontro 2015/2016"

Transcrição

1 Escola da Fé 3.º Encontro 2015/2016

2 CÂNTICO: Onde há Caridade e Amor Onde há caridade e amor aí habita Deus.

3 Papa Francisco abriu porta santa do Jubileu da Misericórdia na Catedral de Bangui, em África, «capital espiritual do mundo» por um dia.

4 Escola da Fé 3.º Encontro 2015/2016

5 Do Evangelho segundo São Mateus (25, 31-41) Vinde, benditos de meu Pai; recebei como herança o reino que vos está preparado desde a criação do mundo. Porque tive fome e destes- Me de comer; tive sede e destes-me de beber; era peregrino e Me recolhestes; não tinha roupa e Me vestistes; estive doente e viestes visitar-me; estava na prisão e fostes ver-me.

6 Do Evangelho segundo São Mateus (25, 31-41) Senhor, quando é que Te vimos com fome e Te demos de comer, ou com sede e Te demos de beber? Quando é que Te vimos peregrino e Te recolhemos, ou sem roupa e Te vestimos? Quando é que Te vimos doente ou na prisão e Te fomos ver?

7 Do Evangelho segundo São Mateus (25, 31-41) Em verdade vos digo: Quantas vezes o fizestes a um dos meus irmãos mais pequeninos, a Mim o fizestes.

8 Escola da Fé 3.º Encontro 2015/2016

9 Da Bula O rosto da misericórdia do Papa Francisco É meu vivo desejo que o povo cristão reflita, durante o Jubileu, sobre as obras de misericórdia corporais e espirituais. Será uma maneira de acordar a nossa consciência perante o drama da pobreza, e de entrar cada vez mais no coração do Evangelho, onde os pobres são os privilegiados da misericórdia divina. A pregação de Jesus apresenta-nos estas obras de misericórdia, para podermos perceber se vivemos ou não como seus discípulos (n.º 15)

10 Da Bula O rosto da misericórdia do Papa Francisco Não podemos escapar às palavras do Senhor, com base nas quais seremos julgados: se demos de comer a quem tem fome e de beber a quem tem sede; se acolhemos o estrangeiro e vestimos quem está nu; se reservamos tempo para visitar quem está doente e preso (n.º 15)

11 Da Bula O rosto da misericórdia do Papa Francisco Em cada um destes irmãos «mais pequeninos», está presente o próprio Cristo.

12 Escola da Fé 3.º Encontro 2015/2016

13 SÃO JOÃO DE DEUS Nascido em Montemoro-Novo, foi em Espanha que se dedicou a assistir pobres e doentes sem abrigo. Fundou a Ordem Hospitaleira de S. João de Deus.

14 SÃO VICENTE DE PAULO Grande sacerdote, deixou-se mover pelo espírito de amor. Conviveu com as misérias materiais e morais; iniciou a reforma do clero, obras assistenciais, luta contra o jansenismo Fundou também a Congregação da Missão (lazaristas) e unido a Santa Luísa de Marillac, edificou as Filhas da Caridade (irmãs vicentinas).

15 SÃO JOÃO BOSCO Dom Bosco foi ao encontro da necessidade e da realidade daqueles jovens que não tinham onde viver, necessitavam de uma nova evangelização, de acolhimento.

16 SÃO DAMIÃO DE MOLOKAI O Padre Damião, também conhecido como apóstolos dos leprosos, escreveu: eis-me aqui, reverendíssimo padre, em meio a meus queridos leprosos. São muito hediondos de ver, porém têm uma alma resgatada pelo preço do sangue adorável de nosso divino Salvador.

17 PADRE AMÉRICO Fundador das Casas do Gaiato para acolher rapazes, e do Calvário, para acolher doentes, era carinhosamente chamado Pai Américo.

18 MADRE TERESA DE CALCUTÁ Fundadora dos Missionários e das Missionárias da Caridade. "Ícone do Bom Samaritano, ela ia a toda parte para servir Cristo nos mais pobres entre os pobres".

19 DOROTHY DAY Fundadora do Movimento Católico de Trabalhadores nos EUA, teve um enorme papel ao auxiliar os necessitados durante a Grande Depressão. Criou uma rede de 30 hospícios e quintas de trabalho que chegou aos 70, perto da sua morte. Morreu como viveu a trabalhar com pessoas pobres e vulgares para mudança da sociedade.

20 CÂNTICO: Vós sereis meus amigos Vós sereis meus amigos, se fizerdes o que vos mando, vós sereis meus amigos. Dou-vos um mandamento novo: que vos ameis uns aos outros como Eu vos amei. Digo-vos isto para que a minha alegria esteja em vós e a vossa alegria seja completa. Não amemos com palavras nem com a língua, mas por ações e em verdade.

21 Escola da Fé 3.º Encontro 2015/2016

22 CÂNTICO: A Alegria do Evangelho A Alegria do Evangelho é a nossa missão: Felizes, felizes os misericordiosos!

23 Questões para trabalho em grupo - O que mais me impressionou nos testemunhos visualizados? Porquê? - Que fazer para aplicar o Evangelho aqui hoje proclamado?

24 Escola da Fé 3.º Encontro 2015/2016

25 CÂNTICO: Cristo quer a tua ajuda Cristo quer a tua ajuda para amar, para amar. Cristo quer a tua ajuda para amar. (bis) Não te importes da raça nem da cor da pele; ama a todos como irmãos e faz o bem! (bis) Ao que sofre e ao triste dá-lhe amor, dá-lhe amor. Ao humilde e ao pobre dá-lhe amor. (bis)

26 Escola da Fé 3.º Encontro 2015/2016

Jörg Garbers Ms. de Teologia

Jörg Garbers Ms. de Teologia Jörg Garbers Ms. de Teologia Não podemos falar do OUTRO sem falar do SER HUMANO O SER HUMANO É A IMAGEM DE DEUS LEITURA DE GN 1.26-27 E disse Deus: Façamos o ser humano à nossa imagem, conforme a nossa

Leia mais

DOMINGO VI DA PÁSCOA

DOMINGO VI DA PÁSCOA 237 DOMINGO VI DA PÁSCOA LEITURA I Actos 10, 25-26.34-35.44-48 «O Espírito Santo difundia-se também sobre os pagãos» Leitura dos Actos dos Apóstolos Naqueles dias, Pedro chegou a casa de Cornélio. Este

Leia mais

ESPIRITUALIDADE VICENTINA

ESPIRITUALIDADE VICENTINA SOCIEDADE DE SÃO VICENTE DE PAULO CONSELHO GERAL INTERNACIONAL ESPIRITUALIDADE VICENTINA Dai-me um homem de oração e ele será capaz de tudo SÃO VICENTE DE PAULO 2 CONTEÚDO 1 A EXPERIÊNCIA FUNDADORA DE

Leia mais

Catequese nº 13 (4º Catecismo) Jesus presente no irmão. Jorge Esteves

Catequese nº 13 (4º Catecismo) Jesus presente no irmão. Jorge Esteves Catequese nº 13 (4º Catecismo) Jesus presente no irmão Jorge Esteves Objectivos 1. Reconhecer que Jesus se identifica com os irmãos, sobretudo com os mais necessitados (interpretação e embora menos no

Leia mais

1. Com o Dízimo, aprendemos a AGRADECER a Deus e ao próximo.

1. Com o Dízimo, aprendemos a AGRADECER a Deus e ao próximo. 1. Com o Dízimo, aprendemos a AGRADECER a Deus e ao próximo. Ao contribuir com o dízimo, saímos de nós mesmos e reconhecemos que pertencemos tanto à comunidade divina quanto à humana. Um deles, vendo-se

Leia mais

O Ano Santo é um tempo de paz, reconciliação e perdão. Ele começa quando o Papa abre a

O Ano Santo é um tempo de paz, reconciliação e perdão. Ele começa quando o Papa abre a Neste mês ocorrerá a abertura do Ano Santo da Misericórdia: O jubileu dedicado à misericórdia de Deus. O rosto da misericórdia é o título da bula pela qual o Santo Padre convoca toda a Igreja para viver

Leia mais

Leitura do Livro do Êxodo

Leitura do Livro do Êxodo 339 DOMINGO XXX LEITURA I Ex 22, 20-26 Leitura do Livro do Êxodo «Se fizerdes algum mal à viúva e ao órfão, inflamar-se-á a minha ira contra vós» Eis o que diz o Senhor: «Não prejudicarás o estrangeiro,

Leia mais

Neste ano da Vida Religiosa Consagrada fomos motivadas pelo Papa Francisco a recordar o passado com gratidão, viver o presente com paixão e abraçar o

Neste ano da Vida Religiosa Consagrada fomos motivadas pelo Papa Francisco a recordar o passado com gratidão, viver o presente com paixão e abraçar o Neste ano da Vida Religiosa Consagrada fomos motivadas pelo Papa Francisco a recordar o passado com gratidão, viver o presente com paixão e abraçar o futuro com esperança. Como o testemunho de vida da

Leia mais

Com Maria, ao encontro do sonho de Deus. Novena a Nossa Senhora, pelas vocações em Portugal

Com Maria, ao encontro do sonho de Deus. Novena a Nossa Senhora, pelas vocações em Portugal Com Maria, ao encontro do sonho de Deus. Novena a Nossa Senhora, pelas vocações em Portugal 18 de maio - Maria, pronta a servir com amor Hoje lembramos a simplicidade e generosidade de Maria, que logo

Leia mais

proposta quaresmal para a Paróquia do Candal

proposta quaresmal para a Paróquia do Candal proposta quaresmal para a Paróquia do Candal Conhecer para viver, HOJE, as Obras de Misericórdia «As obras de misericórdia são acções caridosas em ajuda do próximo, nas suas necessidades corporais e espirituais.

Leia mais

ADMONIÇÃO INICIAL (ROSA)

ADMONIÇÃO INICIAL (ROSA) ADMONIÇÃO INICIAL (ROSA) Hoje encontramo-nos aqui reunidos para celebrar a Festa das Bem-Aventuranças. Bem Aventurado quer dizer FELIZ e buscar a vontade de Deus é ser Bem-Aventurado. Eis que Jesus, ao

Leia mais

Celebração tirada do livro Eucaristia com Crianças Tempos Fortes Pedrosa Ferreira Edições Salesianas. ocantinhodasao.com.pt/public_html.

Celebração tirada do livro Eucaristia com Crianças Tempos Fortes Pedrosa Ferreira Edições Salesianas. ocantinhodasao.com.pt/public_html. Celebração tirada do livro Eucaristia com Crianças Tempos Fortes Pedrosa Ferreira Edições Salesianas ocantinhodasao.com.pt/public_html 12 Ano B ocantinhodasao.com.pt/public_html 1 RITOS INICIAIS Hoje,

Leia mais

Catequese Paroquial e CNE Escutismo Católico Português

Catequese Paroquial e CNE Escutismo Católico Português 1º Ano Paroquial e CNE Escutismo Católico Português JESUS GOSTA DE MIM Proporcionar às crianças um bom acolhimento eclesial, pelos catequistas e por toda a comunidade cristã (cf CT 16 e 24). Ajudá-las

Leia mais

PARA O MATRIMÓNIO. R. Ouvi-nos, Senhor. Ou: Abençoai, Senhor, o vosso povo.

PARA O MATRIMÓNIO. R. Ouvi-nos, Senhor. Ou: Abençoai, Senhor, o vosso povo. MATRMÓNO 321 rmãos e irmãs: Celebrando o especial dom da graça e da caridade, com que Deus Se dignou consagrar o amor dos nossos irmãos N. e N., confiemo-los ao Senhor, dizendo (ou: cantando): Ou: Abençoai,

Leia mais

RESUMO. Apresentação abreviada Recapitulação breve = repetição do que foi apresentado Para transmitir uma ideia geral do que foi apresentado

RESUMO. Apresentação abreviada Recapitulação breve = repetição do que foi apresentado Para transmitir uma ideia geral do que foi apresentado UMA TENTATIVA RESUMO Apresentação abreviada Recapitulação breve = repetição do que foi apresentado Para transmitir uma ideia geral do que foi apresentado SÍNTESE Mostra e revela as relações entre elementos

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SÁTÃO CURRÍCULO DISCIPLINAR 3º ANO EDUCAÇÃO MORAL E RELIGIOSA CATÓLICA (EMRC) (SNEC)

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SÁTÃO CURRÍCULO DISCIPLINAR 3º ANO EDUCAÇÃO MORAL E RELIGIOSA CATÓLICA (EMRC) (SNEC) AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SÁTÃO CURRÍCULO DISCIPLINAR 3º ANO EDUCAÇÃO MORAL E RELIGIOSA CATÓLICA (EMRC) (SNEC) 2015-16 3 º ANO Unidade Letiva 1 A Dignidade das Crianças 1. Tomar consciência de que as crianças

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 1) Oração Quinta-feira da 5ª Semana da Páscoa Ó Deus, vossa

Leia mais

Você é capaz de se lembrar como se conjuga os verbos? Lembra? É... eu também não gostava muito disso, sabia? Então vamos lembrar juntos:

Você é capaz de se lembrar como se conjuga os verbos? Lembra? É... eu também não gostava muito disso, sabia? Então vamos lembrar juntos: Bem, hoje gostaria de falar sobre algo que talvez você não goste nem um pouco: nossa querida Língua Portuguesa Ah, fala sério pastor! Vai dar aula de Português? Obviamente não! Vou apenas compartilhar

Leia mais

ESTUDO BÍBLICO I A SALVAÇÃO EM JESUS CRISTO SAMUEL CORNÉLIO

ESTUDO BÍBLICO I A SALVAÇÃO EM JESUS CRISTO SAMUEL CORNÉLIO ESTUDO BÍBLICO I A SALVAÇÃO EM JESUS CRISTO SAMUEL CORNÉLIO AGOSTO 2016 www.abracandoapalavra.org A Salvação em JESUS CRISTO Um Novo Nascimento De acordo com a Bíblia, O Santo, Eterno, Soberano e Todo

Leia mais

NOVENA DOS PAIS QUE ORAM PELOS FILHOS

NOVENA DOS PAIS QUE ORAM PELOS FILHOS Pe. Nilton César Boni, cmf NOVENA DOS PAIS QUE ORAM PELOS FILHOS EDITORA AVE-MARIA Apresentação Aos membros da família cristã podem aplicar-se de modo particular as palavras com que Cristo promete a sua

Leia mais

AS OBRAS DE MISERICORDIA 1. OBRAS DE MISERICÓRDIA CORPORAIS

AS OBRAS DE MISERICORDIA 1. OBRAS DE MISERICÓRDIA CORPORAIS 1 AS OBRAS DE MISERICORDIA «É meu vivo desejo que o povo cristão reflicta, durante o Jubileu, sobre as obras de misericórdia corporal e espiritual. Será uma maneira de acordar a nossa consciência, muitas

Leia mais

om Bosco foi um santo de um coração generoso e tão vasto como as areias das praias do mar, diz uma canção. Dom Bosco aprende a amar em casa, no seio

om Bosco foi um santo de um coração generoso e tão vasto como as areias das praias do mar, diz uma canção. Dom Bosco aprende a amar em casa, no seio om Bosco foi um santo de um coração generoso e tão vasto como as areias das praias do mar, diz uma canção. Dom Bosco aprende a amar em casa, no seio materno. Certamente com sua mamãe, Margarida Occhiena,

Leia mais

Músicas para missa TSL

Músicas para missa TSL Músicas para missa TSL Músicas antes da entrada Anjos Se acontecer um barulho perto de você é um anjo chegando para receber suas orações e levá-las à Deus. Então abra o coração e comece a louvar, sinta

Leia mais

AO RITMO DA PALAVRA DE DEUS

AO RITMO DA PALAVRA DE DEUS Paróquia de Nossa Senhora da Conceição Talita cum Ano 2 - nº 65 27º Domingo do Tempo Comum 4 de outubro de 2015 Chamei-te pelo teu nome: www.paroquiadesobreira.com tu és Meu! 272 682 319; 96 604 72 80

Leia mais

NATAL DO SENHOR DE 2015 MISSA DO DIA

NATAL DO SENHOR DE 2015 MISSA DO DIA NATAL DO SENHOR DE 2015 MISSA DO DIA Caríssimos Irmãos e Irmãs: O Catecismo da Igreja Católica em seu artigo terceiro, parágrafo primeiro, faz uma pergunta: Por que o Verbo se fez carne O texto do Documento

Leia mais

San Joãu de Deus. Março de 2015. 1.- Introdução. Oração do Mês

San Joãu de Deus. Março de 2015. 1.- Introdução. Oração do Mês San Joãu de Deus Oração do Mês Março de 2015 1.- Introdução O amor de Deus manifesta-se no amor ao próximo. A vida consagrada, para viver o carisma da Hospitalidade, obriga-nos a viver o amor de Deus na

Leia mais

CATEQUESE 10 JESUS ENTREGA A SUA VIDA

CATEQUESE 10 JESUS ENTREGA A SUA VIDA CATEQUESE 10 JESUS ENTREGA A SUA VIDA Objectivos: 1. Descobrir na entrega da vida de Jesus a plenitude da Sua relação com Deus Pai. 2. Acolher a fidelidade de Jesus a esta relação como geradora de vida

Leia mais

Depoimentos das Irmãs Jubilares e Junioristas das Irmãs Franciscanas da Penitência e Caridade Cristã

Depoimentos das Irmãs Jubilares e Junioristas das Irmãs Franciscanas da Penitência e Caridade Cristã Depoimentos das Irmãs Jubilares e Junioristas das Irmãs Franciscanas da Penitência e Caridade Cristã Celebrar o jubileu é fazer memória da caminhada de 50 anos de Vida Religiosa Consagrada Franciscana

Leia mais

FESTA DO PAI-NOSSO 2º Ano. 14 de junho de Catequese Paroquial de Santa Maria da Feira Núcleo: Missionários Passionistas

FESTA DO PAI-NOSSO 2º Ano. 14 de junho de Catequese Paroquial de Santa Maria da Feira Núcleo: Missionários Passionistas FESTA DO PAI-NOSSO 2º Ano 14 de junho de 2014 Catequese Paroquial de Santa Maria da Feira Núcleo: Missionários Passionistas MONIÇÃO ANTES DO CÂNTICO DE ENTRADA (Criança) Olá, nós as crianças do 2º ano

Leia mais

NOVENA COM AS CRIANÇAS NOSSA SENHORA APARECIDA 2015

NOVENA COM AS CRIANÇAS NOSSA SENHORA APARECIDA 2015 1 2 COM MARIA, EM JESUS, CHEGAMOS À GLÓRIA! 5º Dia (Dia 07/10 Quarta-feira) CRIANÇA: BELEZA DA TERNURA DIVINA! Na festa de Maria, unidos neste Santuário, damos graças a Deus, por meio de Maria, pela vida

Leia mais

NOVENA PRIMEIRO DIA. Glória a ti Deus Pai, tu que chamaste a Rafqa à santa vida monástica e foste para ela Pai e Mãe.

NOVENA PRIMEIRO DIA. Glória a ti Deus Pai, tu que chamaste a Rafqa à santa vida monástica e foste para ela Pai e Mãe. NOVENA O verdadeiro crente deve conscientizar-se da importância da oração em sua vida. O senhor Jesus disse : Rogai sem cessar ; quando fazemos uma novena que é uma de oração, estamos seguindo um ensinamento

Leia mais

Quem é Marcos? Marcos, autor do primeiro Evangelho, vivia em Jerusalém. A mãe se chamava Maria. Em sua casa reuniam-se os cristãos da cidade.

Quem é Marcos? Marcos, autor do primeiro Evangelho, vivia em Jerusalém. A mãe se chamava Maria. Em sua casa reuniam-se os cristãos da cidade. Atenção O Catequista, coordenador, responsável pela reunião ou encontro, quando usar esse material, tem toda liberdade de organizar sua exposição e uso do mesmo. Poderá interromper e dialogar com o grupo;

Leia mais

MOMENTO CÂNTICO LIVRO PÁGINA

MOMENTO CÂNTICO LIVRO PÁGINA PROGRAMA DE CÂNTICOS TEMPO COMUM DEPOIS DA PÁSCOA ANO C SÉRIE 3 VIII DOMINGO SANTÍSSIMA TRINDADE 22 V 2016 Entrada Pai, Filho, Espírito Santo CEC II 162 S. Resp. Digno de louvor e glória SRML 174 Ofertório

Leia mais

Por que e para que Jesus morreu na cruz? Evangelho de João

Por que e para que Jesus morreu na cruz? Evangelho de João Por que e para que Jesus morreu na cruz? Evangelho de João 3.16-17 INTRODUÇÃO Do texto lido, faço à igreja duas perguntas: Por quejesus morreu na cruz? Para que Jesus morreu na cruz? O por que e o para

Leia mais

Primeira Estação Jesus é condenado à Morte

Primeira Estação Jesus é condenado à Morte Primeira Estação Jesus é condenado à Morte Várias pessoas falam ao mesmo tempo e no meio dessas vozes uma pessoa diz: Pessoa 1 - Vamos levar Jesus até Pilatos. Pessoa 2 - É Pilatos quem decide se ele morre

Leia mais

FORA DA CARIDADE NÃO HÁ SALVAÇÃO

FORA DA CARIDADE NÃO HÁ SALVAÇÃO CAPÍTULO 15 FORA DA CARIDADE NÃO HÁ SALVAÇÃO O que é preciso para ser salvo Parábola do bom samaritano O maior mandamento Necessidade da caridade segundo São Paulo Fora da Igreja não há salvação. Fora

Leia mais

IV FÓRMULAS DE BÊNÇÃO PARA LAUDES E VÉSPERAS

IV FÓRMULAS DE BÊNÇÃO PARA LAUDES E VÉSPERAS IV FÓRMULAS DE BÊNÇÃO PARA LAUDES E VÉSPERAS I. Nas celebrações do Tempo Advento Deus omnipotente e misericordioso, que vos dá a graça de comemorar na fé a primeira vinda do seu Filho Unigénito e de esperar

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 25 de Abril - São Marcos Evangelista 1) Oração Ó Deus, que

Leia mais

CELEBRAÇÃO PENITENCIAL QUARESMA 2016

CELEBRAÇÃO PENITENCIAL QUARESMA 2016 CELEBRAÇÃO PENITENCIAL QUARESMA 2016 CÂNTICO DE ENTRADA SAUDAÇÃO INICIAL Presidente: Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo! Todos: Ámen. Presidente: A graça, a misericórdia e a paz de Deus, nosso

Leia mais

MARÇO. 4 de Março S. Casimiro. 7 de Março S. Perpétua e S. Felicidade, mártires. Memória. Comum dos Santos: pp. 562 ss.

MARÇO. 4 de Março S. Casimiro. 7 de Março S. Perpétua e S. Felicidade, mártires. Memória. Comum dos Santos: pp. 562 ss. MARÇO 4 de Março S. Casimiro Comum dos Santos: pp. 562 ss. LEITURA I Filip 3, 8-14: p. 598 SALMO RESPONSORIAL Salmo 14 (15), 2-3a.3bc-4ab.4c-5: p. 563 EVANGELHO Jo 15, 9-17: p. 641 7 de Março S. Perpétua

Leia mais

PADRE MARCELO ROSSI ÁGAPE

PADRE MARCELO ROSSI ÁGAPE PADRE MARCELO ROSSI ÁGAPE Oo Índice Prefácio, por Gabriel Chalita...11 Introdução...19 1 O Verbo divino...27 2 As bodas de Caná...35 3 A samaritana...41 4 Multiplicação dos pães...49 5 A mulher adúltera...55

Leia mais

REZAR EM COMUNHÃO COM O PAPA. Os Pobres e Marginalizados Seminaristas e Noviços

REZAR EM COMUNHÃO COM O PAPA. Os Pobres e Marginalizados Seminaristas e Noviços REZAR EM COMUNHÃO COM O PAPA Os Pobres e Marginalizados Seminaristas e Noviços 1º Cântico de entrada 2º Introdução Neste mês de junho há duas dimensões da Pessoa de Cristo que centram a nossa atenção:

Leia mais

PROVÍNCIA MARISTA DO BRASIL NORTE

PROVÍNCIA MARISTA DO BRASIL NORTE PROVÍNCIA MARISTA DO BRASIL NORTE Espiritualidade Apostólica Marista Ir. José Milson de Mélo Souza Ano de Deus Pai LADAINHA DE SÃO MARCELINO CHAMPAGNAT (Ir. José Milson) V. Senhor, tende piedade de nós.

Leia mais

MISSA - A COMUNIDADE SE REÚNE PARA CELEBRAR A VIDA

MISSA - A COMUNIDADE SE REÚNE PARA CELEBRAR A VIDA MISSA - A COMUNIDADE SE REÚNE PARA CELEBRAR A VIDA A Eucaristia é o sacramento que atualiza e faz a memória do sacrifício de Jesus: em cada Eucaristia temos a presença do Cristo que pela sua morte e ressurreição

Leia mais

LECTIO DIVINA JESUS CHAMA SEUS DISCI PULOS

LECTIO DIVINA JESUS CHAMA SEUS DISCI PULOS LECTIO DIVINA JESUS CHAMA SEUS DISCI PULOS 1 TEXTO BÍBLICO - Lucas 6,12-19 (Fazer uma Oração ao Espírito Santo, ler o texto bíblico, fazer um momento de meditação, refletindo sobre os três verbos do texto

Leia mais

HOSANA REPERTÓRIO. Hosana, Hosana Hosana nas alturas Hosana, Hosana Hosana nas alturas

HOSANA REPERTÓRIO. Hosana, Hosana Hosana nas alturas Hosana, Hosana Hosana nas alturas 1 HOSANA Composição: Brooke Fraser-Hillsong Publishing / Versão: Cia do Louvor Eu vejo o Rei da glória vindo com o Seu poder A Terra vai estremecer Eu vejo Sua graça os pecados perdoar A Terra vai então

Leia mais

EVANGELHO. Jo 15, [Leccionário, pg. 398]

EVANGELHO. Jo 15, [Leccionário, pg. 398] EVANGELHO As sugestões aqui apresentadas estão de acordo com o Ritual do Matrimónio da Conferência Episcopal Portuguesa. Jo 15, 12-16 [Leccionário, pg. 398] «É este o meu mandamento:que vos ameis uns aos

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM Terça-feira da 19ª Semana do Tempo Comum 1) Oração Deus eterno

Leia mais

Gr.Bíblico. Evangelho de. Nossa Senhora Conceição

Gr.Bíblico. Evangelho de. Nossa Senhora Conceição Evangelho de São Lucas Ano litúrgico C O Terceiro Envangelho O TEMPO DE JESUS E O TEMPO DA IGREJA Este evangelho põe em relevo as etapas da obra de Deus na História. Mais do que Mateus e Marcos, ao falar

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 1) Oração 30 DE DEZEMBRO Deus eterno e todo-poderoso, que

Leia mais

Nº 23 A - Domingo II da Páscoa

Nº 23 A - Domingo II da Páscoa Nº 23 A - Domingo II da Páscoa - 27.4.2014 Felizes os que acreditam sem terem visto. Felizes os que O vêem com os olhos da fé na Palavra que é escutada e saboreada. Felizes os que O vêem com os olhos da

Leia mais

REGIÃO SP - CAPITAL 1

REGIÃO SP - CAPITAL 1 Informativo Mensal das Equipes de Nossa Senhora - nº 29 - Dezembro de 2013 REGIÃO SP - CAPITAL 1 CALENDÁRIO 2014 EACRE 2014 15 e 16 de fevereiro. No Santa Fé Via Anhanguera - km 25. RETIROS 2014.. Todos

Leia mais

Celebração de Abertura da Catequese XXVI Domingo do Tempo Comum. Quem dera que todos profetizassem! Num.11,29

Celebração de Abertura da Catequese XXVI Domingo do Tempo Comum. Quem dera que todos profetizassem! Num.11,29 Celebração de Abertura da Catequese 2009-20010 XXVI Domingo do Tempo Comum Quem dera que todos profetizassem! Num.11,29 26 de Setembro de 2009 Cântico de Entrada: (16h30) Como são belos os pés que anunciam

Leia mais

"Com pedras, os homens constróem catedrais; mas com gestos de amor constróem a Humanidade".

Com pedras, os homens constróem catedrais; mas com gestos de amor constróem a Humanidade. "Com pedras, os homens constróem catedrais; mas com gestos de amor constróem a Humanidade". Os Pais, Primeiros Educadores da Fé Existe um ambiente privilegiado em que os casais, sem excluir outros lugares,

Leia mais

A BELA HISTORIA DE JESUS DE NAZARÉ

A BELA HISTORIA DE JESUS DE NAZARÉ A BELA HISTORIA DE JESUS DE NAZARÉ AS PARABOLAS: A OVELHA PERDIDA Volume 14 Escola: Nome: Professor (a): Data: / / EU SOU O BOM PASTOR; O BOM PASTOR DÁ A SUA VIDA PELAS OVELHAS. 11 NUMERE AS OVELHINHAS

Leia mais

3. FALAR SOBRE A VOCAÇÃO

3. FALAR SOBRE A VOCAÇÃO 1 CATEQUESE VOCACIONAL 1. ACOLHIMENTO 2. ORAÇÃO INICIAL: A catequese deve iniciar sempre com uma oração conjunta: Todos de pé rezamos pedindo ao Senhor que continue a chamar jovens para a vida sacerdotal

Leia mais

Espiritualidade do Câmbio Sistêmico ou Mudança de Estruturas

Espiritualidade do Câmbio Sistêmico ou Mudança de Estruturas Espiritualidade do Câmbio Sistêmico ou Mudança de Estruturas Uma breve meditação sobre Mudança de Estruturas O objetivo desta meditação é redescobrir a dimensão espiritual contida na metodologia de mudança

Leia mais

Diaconia e a Cidade. jovens;

Diaconia e a Cidade. jovens; Diaconia e a Cidade (Pastor Carlos Alberto Radinz, UP de São Paulo) Auxílio para a preparação do encontro de jovens; A nossa Igreja, neste ano, escolheu como tema ViDas em Comunhão, tendo como motivação

Leia mais

Acolhe os oprimidos, em sua casa, o Senhor, É seu abrigo! Só ele se faz temer, Pois a seu povo dá força e poder!

Acolhe os oprimidos, em sua casa, o Senhor, É seu abrigo! Só ele se faz temer, Pois a seu povo dá força e poder! ABERTURA 17º DOMINGO DO TEMPO COMUM ANO C Acolhe os oprimidos, em sua casa, o Senhor, É seu abrigo! Só ele se faz temer, Pois a seu povo dá força e poder! 1. A nação que ele governa, é feliz com tal Senhor.

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM Fes ta de São Barnabé 1) Oração Ó Deus, que designastes são

Leia mais

ARTE DE AMAR EM BUSCA DO PERFEITO AMOR

ARTE DE AMAR EM BUSCA DO PERFEITO AMOR A ARTE DE AMAR EM BUSCA DO PERFEITO AMOR EM BUSCA DO PERFEITO AMOR #4 A ARTE DE AMAR COMO DEUS NOS AMA Henri Nouwen A volta do filho pródigo Esta é a filiação divina. E é a esta filiação que sou chamado.

Leia mais

Festa do Pai Nosso Eucaristia, Sábado 17 de Abril de 2010 Santo António de Nova Oeiras

Festa do Pai Nosso Eucaristia, Sábado 17 de Abril de 2010 Santo António de Nova Oeiras Entrada: O senhor Ressuscitou! Sol+ Mi- Do+ O Senhor ressuscitou, vencendo a morte na cruz Re7 Sol+ La- Re7 Nossa esperança está n Ele, Ele é o nosso Salvador. Sol+ Mi- Do+ P ra trás ficou o temor, a dúvida

Leia mais

domingo, 19 de setembro de 2010 A n é s i o R o d r i g u e s

domingo, 19 de setembro de 2010 A n é s i o R o d r i g u e s A n é s i o R o d r i g u e s Salmo 127:2 Anésio Rodrigues A vida: um dom de Deus Comida, Trabalho Família, diversão, igreja Anésio Rodrigues Salmo 127:2 Salmo 127:2 Será inútil levantar cedo e dormir

Leia mais

LINHA DE AÇÃO 1 - IGREJA QUE SAI PARA SERVIR Ícone Bíblico - A Parábola do Bom Samaritano (Lc 10,25-37):

LINHA DE AÇÃO 1 - IGREJA QUE SAI PARA SERVIR Ícone Bíblico - A Parábola do Bom Samaritano (Lc 10,25-37): LINHA DE AÇÃO 1 - IGREJA QUE SAI PARA SERVIR Ícone Bíblico - A Parábola do Bom Samaritano (Lc 10,25-37): Quem é o meu próximo? perguntou o Doutor da Lei a Jesus, que em seguida lhe contou a Parábola do

Leia mais

sobre tudo o INFORMA de Canoas Igreja Batista Nº a 16 de Julho de 2016 dias de amor

sobre tudo o INFORMA de Canoas Igreja Batista Nº a 16 de Julho de 2016 dias de amor INFORMA sobre tudo o Amor Igreja Batista de Canoas Nº 891 10 a 16 de Julho de 2016 dias de amor dias de amor sobre tudo o Amor 1 Coríntios 14:1, Marcos 12:30,31, 1 Cor. 16:14 (NTLH) OS FUNDAMENTOS DO AMOR

Leia mais

o passado já não é mais e o futuro não é ainda.

o passado já não é mais e o futuro não é ainda. o passado já não é mais e o futuro não é ainda. Santo Agos*nho Uma pesquisa realizada no Brasil pela Associação Internacional de Stress, com cerca de 700 pessoas com idade entre 25 e 55 anos indicou que

Leia mais

Evangelho de Lucas. O caminho aberto por Jesus: é o começo da Alegria em Deus Misericordioso.

Evangelho de Lucas. O caminho aberto por Jesus: é o começo da Alegria em Deus Misericordioso. Evangelho de Lucas O caminho aberto por Jesus: é o começo da Alegria em Deus Misericordioso. A Dimensão Bíblica da Missão Verbita Brasil Norte SVD Referente: Benjamin Eber Barrios (Gigio) SVD Material

Leia mais

INFORMA. equilibrando sua. pessoal. de Canoas. Igreja Batista

INFORMA. equilibrando sua. pessoal. de Canoas. Igreja Batista INFORMA Igreja Batista de Canoas Vida equilibrando sua pessoal Nº 889 26 de Junho a 02 de Julho de 2016 equilibrando sua Vida pessoal "Pois Deus não quer que nós vivamos em desordem e sim em paz." 1 Cor.

Leia mais

BOM DIA DIÁRIO. Guia: Em nome do Pai

BOM DIA DIÁRIO. Guia: Em nome do Pai BOM DIA DIÁRIO Segunda-feira (09.03.2015) Nenhum profeta é bem recebido Guia: 2.º Ciclo: Professor José Martins 3.º Ciclo: Padre Aníbal Afonso Re+ Deixa Deus entrar na tua própria casa. Re+ Deixa-te tocar

Leia mais

TRÊS AMIGOS NO SENHOR, AMIGO FIEL. Inácio, uma fundação Xavier, uma missão Fabro, uma oração

TRÊS AMIGOS NO SENHOR, AMIGO FIEL. Inácio, uma fundação Xavier, uma missão Fabro, uma oração TRÊS AMIGOS NO SENHOR, AMIGO FIEL Exercício para a festa de Santo Inácio no Jubileu de 2006 Inácio, uma fundação Xavier, uma missão Fabro, uma oração R. Paiva, SJ A um ou dois passos do lugar onde farei

Leia mais

PARA O BAPTISMO DAS CRIANÇAS

PARA O BAPTISMO DAS CRIANÇAS BAPTISMO DAS CRIANÇAS 301 PARA O BAPTISMO DAS CRIANÇAS Pode utilizar-se uma das fórmulas, de entre as que se propõem no Rito do Baptismo ou aqui. Também é lícito escolher vários elementos da mesma fórmula,

Leia mais

Festa do Sinal da Cruz Eucaristia, Sábado 6 de Fevereiro de 2010 Santo António de Nova Oeiras

Festa do Sinal da Cruz Eucaristia, Sábado 6 de Fevereiro de 2010 Santo António de Nova Oeiras 1. Entrada: Deixa Deus entrar re Deixa Deus entrar na tua própria casa /7 re Deixa-te tocar pe Sua graça si7 mi- Dentro, no segredo, reza-lhe sem medo: re 7 Senhor, Senhor! re Que queres que eu faça re

Leia mais

Comentário da Mensagem nº 27, de 01/04/1988

Comentário da Mensagem nº 27, de 01/04/1988 Comentário da Mensagem nº 27, de 01/04/1988 Vamos meditar a Mensagem nº 27, de 01/04/1988, numa Sextafeira Santa, em que Nossa Senhora transmitiu a Pedro Regis. Para ver a mensagem, clique aqui. Sobre

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 1) Oração Sexta-feira da 4ª Semana da Quaresma Ó Deus, que

Leia mais

Consagração a Maria. Consagração a Maria. Consagração a Maria. Consagração a Maria. Consagração a Maria. Consagração a Maria. Consagração a Maria

Consagração a Maria. Consagração a Maria. Consagração a Maria. Consagração a Maria. Consagração a Maria. Consagração a Maria. Consagração a Maria amar a mim amar a mim amar a mim amar a mim amar a mim amar a mim amar a mim amar a mim Mãe. Eu Vos amo tanto! Mãe. Eu Vos amo tanto! Mãe. Eu Vos amo tanto! Mãe. Eu Vos amo tanto! Mãe. Eu Vos amo tanto!

Leia mais

ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL

ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL ESTUDO 7 satanás como acusador O mundo, a carne e o diabo Palavra Viva O mundo, a carne e o diabo SANTIFICAÇÃO Nossos três grandes inimigos: O M U N D O A C A R N E O D I A B O

Leia mais

Lembrança da Primeira Comunhão

Lembrança da Primeira Comunhão Lembrança da Primeira Comunhão Jesus, dai-nos sempre deste pão Meu nome:... Catequista:... Recebi a Primeira Comunhão em:... de... de... Local:... Pelas mãos do padre... 1 Lembrança da Primeira Comunhão

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 1) Oração Sexta-feira da 18ª Semana do Tempo Comum Manifestai,

Leia mais

MISSIOLOGIA. Missão e juventude

MISSIOLOGIA. Missão e juventude MISSIOLOGIA Cesar Leandro Ribeiro O cristianismo é uma religião marcada por uma série de aspectos próprios e indispensáveis para sua existência, sendo um deles justamente a missão, condição que se fez

Leia mais

Nº 28 A Ascensão do Senhor

Nº 28 A Ascensão do Senhor Nº 28 A Ascensão do Senhor - 1.6.2014 Ide por todo o mundo! Estarei sempre convosco! I de Ide Ide e anunciai a Boa Nova. Quando partilhais o que tendes com os outros, quando dais atenção a quem está sozinho

Leia mais

Luzes dos Documentos Conciliares Para a Nova Evangelização

Luzes dos Documentos Conciliares Para a Nova Evangelização Luzes dos Documentos Conciliares Para a Nova Evangelização Prof. Denilson A. Rossi O que se entende por Nova Evangelização? Quais são as luzes dos documentos conciliares para a Nova Evangelização? Em que

Leia mais

O povo que vivia nas trevas, viu uma grande luz (Is 9,1)

O povo que vivia nas trevas, viu uma grande luz (Is 9,1) O povo que vivia nas trevas, viu uma grande luz (Is 9,1) Eu sou a luz do mundo. Quem me segue não andará nas trevas, mas, possuirá a luz da vida. (Jo 8,12). Jesus é a luz que ilumina nosso caminho no

Leia mais

Vogal de Caridade Cadernos de Serviços

Vogal de Caridade Cadernos de Serviços Vogal de Caridade Cadernos de Serviços Nome: Conselho Local / Regional / Nacional Centro Local: Vicente de Paulo foi um homem aberto a Deus e aos homens, daí ser chamado o santo da caridade. Homem humano,

Leia mais

Juventude Mariana Vicentina Recitação do Terço

Juventude Mariana Vicentina Recitação do Terço Juventude Mariana Vicentina Recitação do Terço S Maria, a Senhora Missionária... Outubro de 2010 Introdução: Ritos Iniciais: C/. Deus, vinde em nosso auxílio. A/. Senhor, socorrei-nos e salvai-nos. C/.,

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM Quarta-feira da 23ª Semana do Tempo Comum 1) Oração Ó Deus,

Leia mais

Explicar o que caracteriza amor a Deus e amor ao próximo. Apresentar ações que favoreçam o seu desenvolvimento.

Explicar o que caracteriza amor a Deus e amor ao próximo. Apresentar ações que favoreçam o seu desenvolvimento. FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Livro IV Espiritismo, o Consolador Prometido por Jesus Módulo IV A humanidade regenerada Roteiro 2 Explicar o que caracteriza amor

Leia mais

Campinas do Sul 12 de março de 2016

Campinas do Sul 12 de março de 2016 Informativo Paroquial A BOA NOTÍCIA Paróquia Nossa Senhora dos Navegantes Campinas do Sul 12 de março de 2016 PROGRAMAÇÃO PAROQUIAL DA SEMANA: Sábado, 12 de março, às 14h, missa na comunidade Na. Sra.

Leia mais

O Serviço Cristão. Exposição de 3ªJoão. (1ª Mensagem) Gaio, um bom exemplo de cristão a ser seguido. 3Jo v.1-8

O Serviço Cristão. Exposição de 3ªJoão. (1ª Mensagem) Gaio, um bom exemplo de cristão a ser seguido. 3Jo v.1-8 O Serviço Cristão Exposição de 3ªJoão (1ª Mensagem) Gaio, um bom exemplo de cristão a ser seguido 3Jo v.1-8 Pouco sabemos das situações em que esta carta foi escrita. Não sabemos onde João estava quando

Leia mais

Convite à Fraternidade

Convite à Fraternidade Convite à Fraternidade Convite à Fraternidade Vós sois meus amigos, se fazeis o que eu vos ordeno. Não mais vos chamo de servos, porque o servo não sabe o que faz o seu senhor. Eu vos tenho chamado de

Leia mais

Com Amor João Câmara e Nilde Câmara

Com Amor João Câmara e Nilde Câmara Com mor INTROD: D /D C#m F#m m ( m 7 ) D /D C#m F#m m C#m D D /D Com amor Deus criou C#m F#m O céu e o mar m Criou também as estrelas O sol e o ar D /D C#m F#m este amor predomina C#m F#m m todo o meu

Leia mais

QUEM ANUNCIA AS BOAS NOVAS COOPERA COM O CRESCIMENTO DA IGREJA. II Reunião Executiva 01 de Maio de 2015 São Luís - MA

QUEM ANUNCIA AS BOAS NOVAS COOPERA COM O CRESCIMENTO DA IGREJA. II Reunião Executiva 01 de Maio de 2015 São Luís - MA QUEM ANUNCIA AS BOAS NOVAS COOPERA COM O CRESCIMENTO DA IGREJA II Reunião Executiva 01 de Maio de 2015 São Luís - MA At 9.31 A igreja, na verdade, tinha paz por toda Judéia, Galiléia e Samaria, edificando-se

Leia mais

1. Você foi convocado! 2. Jogue ofensivamente! 3. Não descuide da defesa! 4. Entre para a história! 5. Aplique-se a concentração

1. Você foi convocado! 2. Jogue ofensivamente! 3. Não descuide da defesa! 4. Entre para a história! 5. Aplique-se a concentração 1. Você foi convocado! 2. Jogue ofensivamente! 3. Não descuide da defesa! 4. Entre para a história! 5. Aplique-se a concentração A IMPORTÂNCIA DA CONCENTRAÇÃO NA VIDA DO ATLETA Concentração é capacidade

Leia mais

DISTRIBUIÇÃO GRATUITA

DISTRIBUIÇÃO GRATUITA A IMPORTÂNCIA DAS OBRAS DE FÉ William Soto Santiago Cayey Porto Rico 16 de Março de 2011 Reverendo William Soto Santiago, Ph. D. CENTRO DE DIVULGAÇÃO DO EVANGELHO DO REINO http://www.cder.com.br E-mail:

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM 1) Oração Quarta-feira da 5ª Semana da Quaresma Ó Deus de

Leia mais

Os Mandamentos da Igreja

Os Mandamentos da Igreja Os Mandamentos da Igreja Por Marcelo Rodolfo da Costa Os mandamentos da Igreja situam-se na linha de uma vida moral ligada à vida litúrgica e que dela se alimenta CIC 2041 Os Mandamentos da Igreja tem

Leia mais

Treinamento de Instrutores Bíblicos. O Ministério dos Grupos Pequenos

Treinamento de Instrutores Bíblicos. O Ministério dos Grupos Pequenos North American Division Portuguese Ministry Treinamento de Instrutores Bíblicos O Ministério dos Grupos Pequenos O Poder dos Grupos Pequenos 1. Introdução Propósitos Grupo de pessoas que se reúnem para:

Leia mais

Victor André João de Deus

Victor André João de Deus Victor André João de Deus Historia Marcellin Champagnat, aportuguesado para Marcelino Champagnat (20 de maio de 1789, Marlhes - 6 de junho de 1840, Notre Dame de l'hermitage) foi um presbítero da Sociedade

Leia mais

CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo. CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo

CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo. CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo Tens uma tarefa importante para realizar: 1- Dirige-te a alguém da tua confiança. 2- Faz a pergunta: O que admiras mais em Jesus? 3- Regista a resposta nas linhas.

Leia mais

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM

EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM EVANGELHO DO DIA E HOMILIA (LECTIO DIVINA) REFLEXÕES DE FREI CARLOS MESTERS,, O. CARM REFLEXÕES E ILUSTRAÇÕES DE PE. LUCAS DE PAULA ALMEIDA, CM Terça-feira da 22ª Semana do Tempo Comum 1) Oração Deus do

Leia mais

ACOLHIMENTO Pessoas cuidando de pessoas

ACOLHIMENTO Pessoas cuidando de pessoas Nossa Visão Uma cidade transformada por Cristo através de uma igreja acolhedora que desenvolve cura social e renovação cultural, formando autênticos discípulos de Cristo transformados por meio do Evangelho.

Leia mais