Estudo Comparativo da Lei de Licitações e Contratos do Estado da Bahia Lei nº 9.433/05 - com a Lei Federal nº 8.666/93.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Estudo Comparativo da Lei de Licitações e Contratos do Estado da Bahia Lei nº 9.433/05 - com a Lei Federal nº 8.666/93."

Transcrição

1 Publicações Técnicas SAEB Estudo Comparativo da Lei de Licitações e Contratos do Estado da Bahia Lei nº 9.433/05 - com a Lei Federal nº 8.666/ ª edição Secretaria da Administração - Saeb

2 ESTUDO COMPARATIVO DA LEI DE LICITAÇÕES E CONTRATOS DO ESTADO DA BAHIA - LEI Nº 9.433/05 - COM A LEI FEDERAL Nº 8.666/93 Janeiro/2006 1ª edição - Governo do Estado da Bahia - Secretaria da Administração Coordenação Central de Licitação - Procuradoria Geral do Estado

3 Governador do Estado Paulo Souto Secretária da Administração (em exercício) Ana Lúcia Castelo Branco Procurador Geral do Estado Raimundo Viana COMISSÃO DE ELABORAÇÃO DO ANTEPROJETO DA LEI DE LICITAÇÕES E CONTRATOS DO ESTADO DA BAHIA Maria Vitória Brandão Tourinho Dantas - PGE Orlando Gomes da Silva - SAEB Leyla Bianca Correia Lima da Costa - PGE Edite Mesquita Hupsel - PGE Paulo Moreno Carvalho - PGE Participação especial Ana Lúcia Berbert de Castro Fontes - PGE Alzemeri Martins Ribeiro de Brito - PGE ELABORAÇÃO DO COMPARATIVO Leyla Bianca Correia Lima da Costa Procuradora do Estado REALIZAÇÃO SECRETARIA DA ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO CENTRAL DE LICITAÇÃO Orlando Gomes da Silva Coordenador Geral COORDENAÇÃO DE NORMATIZAÇÃO E ORIENTAÇÃO Leila Pondé de Mello Coordenadora Colaboração Especial e Indexação Eliana Mesquita Hupsel Diagramação e Projeto Gráfico Silas Cabral Marden Binderl BAHIA. Secretaria da Administração Estudo comparativo das Leis de Licitações e Contratos 1ª e. Salvador: SAEB/CCL, 2006 p Licitação - Orientação - Governo do Estado da Bahia Secretaria da Administração 2ª avenida, 200 Centro Administrativo da Bahia - CAB CEP Salvador - Bahia

4 - Apresentação - O presente estudo comparativo entre a nova Lei Estadual de Licitações e Contratos, de número 9.433/05, e a lei federal 8.666/93 vem à luz como um importante complemento ao trabalho de disseminação, no âmbito do Governo do Estado, do novo estatuto baiano de regulamentação das compras governamentais. A Lei 9.433/05 introduz mudanças importantes para a modernização das compras do setor público. Para editá-la, o governo baiano lançou mão das prerrogativas de autonomia dos Estados no federalismo brasileiro, mas estritamente dentro dos limites constitucionais. Em vigor desde o dia 31 de maio de 2005, a lei estadual introduz importantes inovações, a exemplo da inversão das fases do processo licitatório, um bem recebido instrumento de desburocratização das compras do setor público, e da desconsideração da personalidade jurídica do licitante, que, ao lado de outras novidades, enfatiza o aspecto do controle das licitações, tanto pelos órgãos contratantes quanto pela própria sociedade. O comparativo com a Lei 8.666/93, desenvolvido por equipe que reuniu técnicos da Secretaria da Administração do Estado (Saeb) e procuradores designados pela Procuradoria Geral do Estado (PGE), servirá a uma extensa gama de interessados: dirigentes e servidores públicos, em especial os que atuam na área de licitações; profissionais e estudantes de Direito; empresários e profissionais contratados por empresas participantes de licitações. O trabalho consistiu em uma compilação dos principais aspectos das licitações, com o objetivo de mostrar como são abordados por cada uma das leis. Acreditamos que a publicação deste estudo constitui uma ferramenta destinada a facilitar, de um lado, o manuseio da Lei 9.433/05, na busca dos assuntos com rapidez; do outro lado, a sua compreensão, na medida em que as explanações foram elaboradas da forma mais didática possível. Coordenação Central de Licitação

5 ÍNDICE Lei nº 9.433, de 01 de março de Capítulo I Das disposições gerais Seção I - Disposições preliminares Art 1º (art. 1º e art. 119 da Lei nº /93) Seção II - Dos princípios Art. 2º (art. 2º da Lei nº /93)...18 Art. 3º (art. 3º da Lei nº /93)...18 Art. 4º (art. 4º da Lei nº /93)...20 Art. 5º (não ha correspondência na lei nº 8.666/93)...20 Art. 6º (art. 5º da Lei nº /93) Art. 7º (art. 5º da Lei nº /93) Seção III - Das definições Art. 8º (art. 6º da Lei nº /93) Art. 8º, inciso XIV (art. 2º, parágrafo único da Lei nº /93) Art. 8º, inciso XXIX (art. 39, parágrafo único da Lei nº /93) Art. 8º, inciso XXXI (art. 30, 9º da Lei nº /93) Art. 8º, inciso XXXIV (art. 40, 3º da Lei nº /93) Seção IV - Da administração de material e de serviço Art. 9º (não há correspondência na Lei nº 8.666/93)...32 Art. 10 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93)...32 Capítulo II - Das obras e serviços Seção I Disposições Gerais Art. 11 (art. 7º, 2º da Lei nº /93) Art. 12 (art. 7º, 3º, 4º e 5º da Lei nº /93) Art. 13 (art. 6º, inciso IX da Lei nº /93) Art. 14 (art. 12 da Lei nº /93) Art. 15 (art. 8º da Lei nº /93) Art. 15, 2º (art. 23, 1º da Lei nº /93) Art. 15, 3º (art. 23, 2º da Lei nº /93) Art. 15, 4º (art. 8º, parágrafo único da Lei nº /93) Art. 16 (art. 7º, 1º da Lei nº /93) Art. 17 (art. 7º, 6º da Lei nº /93) Art. 18 (art. 9º da Lei nº /93) Art. 19 (art. 11 da Lei nº /93)...41 Art. 20 (art. 10 da Lei nº /93) Art. 21 (art. 7º, 9º da Lei nº /93)

6 Art. 22 (não há correspondência na Lei 8.666/93)...42 Seção II - Dos serviços técnicos profissionais especializados...43 Art. 23 (art. 13 da Lei nº /93)...43 Art. 23, 3º (art. 111 da Lei nº /93)...45 Art. 23, 4º (art. 111, parágrafo único da Lei nº /93) Seção III - Das concessões e das permissões Art. 24 (não há correspondência na Lei 8.666/93)...45 Art. 25 (não há correspondência na Lei 8.666/93)...45 Art. 26 (não há correspondência na Lei 8.666/93) Art. 27 (não há correspondência na Lei 8.666/93)...47 Art. 28 (não há correspondência na Lei 8.666/93)...47 Art. 29 (não há correspondência na Lei 8.666/93)...47 Capítulo III - Das compras...48 Art. 30 (art. 14 da Lei nº 8.666/93) Art. 31 (art. 15 da Lei nº 8.666/93) Art. 31, inciso VI (art. 15, 7º da Lei nº 8.666/93) Art. 31, 1º (art.15, 8º da Lei nº 8.666/93) Art. 31, 5º (art. 7º, 5º da Lei nº 8.666/93) Art. 32 (art. 16 da Lei nº 8.666/93) Capítulo IV - Do registro de preços...52 Art. 33 (art 15, 3º da Lei nº 8.666/93) Art. 33, 1º (art 15, 1º da Lei nº 8.666/93) Art. 33, 2º (art 15, 3º da Lei nº 8.666/93)...52 Art. 33, 4º (art. 15, 4º da Lei nº 8.666/93)...53 Art. 33, 6º (art. 15, 6º da Lei nº 8.666/93)...54 Capítulo V - Dos bens públicos estaduais...54 Seção I - Da alienação...54 Art. 34 (art. 17 da Lei nº 8.666/93)...54 Art. 35 (art. 17, 6º da Lei nº 8.666/93) Art. 36 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 37 (art. 18 da Lei nº 8.666/93) Capitulo VI - Da Licitaçao Seção I - Das modalidades Art. 49 (art. 20 da Lei nº 8.666/93) Art. 50 (art. 22 da Lei nº 8.666/93) Art. 50, 4º (não há correspondência na Lei nº 8.666/93)

7 Art. 51 (art. 52, 1º da Lei nº 8.666/93)...66 Art. 51, inciso V (art. 52, 2º da Lei nº 8.666/93)...67 Art. 52 (art. 53 da Lei nº 8.666/93)...67 Art. 53 (art. 23, 3º da Lei nº 8.666/93)...68 Art. 53, 5º (art. 23, 1º da Lei nº 8.666/93)...69 Art. 54 (art. 21 da Lei nº 8.666/93) Art. 55, 56 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93)...73 Seção II - Dos tipos Art. 57 (art. 45, 1º da Lei nº 8.666/93) Art. 58 (art. 46 da Lei nº 8.666/93) Art. 58, 1º e 2º (art. 45, 4º, e art. 46, 3º)...75 Seção III - Da dispensa e inexigibilidade de licitação Subseção I - Da dispensa...76 Art. 59 (art. 24 da Lei nº 8.666/93) Subseção II - Da inexigibilidade Art. 60 (art. 25 da Lei nº 8.666/93) Art. 61 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Subseção III - Do credenciamento Art.62 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 63 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Subseção IV - Disposições gerais sobre dispensa e inexigibilidade...87 Art. 64 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 65 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 65, 2º (art. 26 da Lei nº 8.666/93) Art. 66 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Capítulo VII - Dos órgãos de licitação e registro cadastral Seção I - Dos órgãos centrais de licitação e registro cadastral Art. 67 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 68 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 69, caput (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 69, 1º (art. 34, 1º da Lei nº 8.666/93) Art. 69, 4º (art 36 da Lei nº 8.666/93)...93 Art. 69, 5º (art. 36, 2º da Lei nº 8.666/93) Art. 70 (art. 37 da Lei nº 8.666/93) Art. 71 (art. 34, 2º da Lei nº 8.666/93)

8 Seção II - Das comissões...94 Art. 72 (art. 51 da Lei nº 8.666/93)...94 Art. 72, 3º (art. 51, caput da Lei nº 8.666/93)...95 Art. 72, 4º (art. 51, 2º da Lei nº 8.666/93) Art. 72, 5º (art. 51, 4º da Lei nº 8.666/93) Art. 72, 6º (art. 51, 3º da Lei nº 8.666/93) Art. 72, 7º (art. 51, 5º da Lei nº 8.666/93) Capítulo VIII - Do procedimento licitatório Seção I - Disposições gerais Art. 73 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 74 (art. 38 da Lei nº 8.666/93) Art. 75 (art. 38, parágrafo único da Lei nº 8.666/93) Art. 76 (art. 39 da Lei nº 8.666/93)...98 Art. 77 (art 63 da Lei nº 8.666/93)...99 Art. 78 (art. 43 da Lei nº 8.666/93) Art. 78, 3º (art. 43, 1º da Lei nº 8.666/93) Art. 78, 4º (art. 43, 2º da Lei nº 8.666/93) Art. 78, 5º (art. 43, 3º da Lei nº 8.666/93) Art. 78, 9º (art. 43, 4º da Lei nº 8.666/93) Art. 78, 10 (art. 43, 6º da Lei nº 8.666/93) Seção II - Do instrumento convocatório Art. 79 (art. 40 da Lei nº 8.666/93) Art. 80 (art. 40, 1º da Lei nº 8.666/93) Art. 81 (art. 40, 2º da Lei nº 8.666/93) Art. 82 (art. 40, 4º da Lei nº 8.666/93) Art. 83 (art.47 da Lei nº 8.666/93) Art. 84 (art. 32, 5º da Lei nº 8.666/93) Art. 85 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 86 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 87 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 88 (não há correspondência na Lei nº 8.666/ Art. 89 (art. 42 da Lei nº 8.666/93) Art. 90 (art 41 da Lei nº 8.666/93) Seção III - Do julgamento e da classificação das propostas Art. 91 (art. 44 da Lei nº 8.666/93) Art. 92 (art. 45, 2º da Lei nº 8.666/93) Art. 93 (art. 45, 3º da Lei nº 8.666/93) Art. 94 (art. 45, 4º da Lei nº 8.666/93) Art. 95 (art. 46, 1º da Lei nº 8.666/93) Art. 96 (art. 46, 2º da Lei nº 8.666/93)

9 Art. 97 (art. 48 da Lei nº 8.666/93) Seção IV - Da habilitação Art. 98 (art. 27 da Lei nº 8.666/93) Art. 99 (art. 28 da Lei nº 8.666/93) Art.100 (art. 29 da Lei nº 8.666/93) Art. 101 (art. 30 da Lei nº 8.666/93) Art. 101, 2º (art. 30, 1º, inciso I da Lei nº 8.666/93) Art. 101, 3º (art. 30, 2º da Lei nº 8.666/93) Art. 101, 4º (art. 30, 3º da Lei nº 8.666/93) Art. 101, 5º (art 30, 4º da Lei nº 8.666/93) Art. 101, 7º (art. 30, 6º da Lei nº 8.666/93) Art. 101, 8º (art. 30, 5º da Lei nº 8.666/93) Art. 101, 9º (art. 30, 8º da Lei nº 8.666/93) Art. 101, 10º (art. 30, 10 da Lei nº 8.666/93) Art. 102 (art. 31 da Lei nº 8.666/93) Art. 103 (art. 32 da Lei nº 8.666/93) Art. 104 (art. 32, 4º da Lei nº 8.666/93) Art. 104,parágrafo único (art. 32, 6º da Lei nº 8.666/93) Art. 105 (art. 33 da Lei nº 8.666/93) Seção V - Da homologação e da adjudicação Art. 106 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 107 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Seção VI - Do pregão Subseção I - Disposições Gerais Art. 108 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 109 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 110 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 111 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 112 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 113 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 114 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 115 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 116 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 117 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 118 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 119 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Subseção II - Do pregão presencial Art. 120 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93)

10 Subseção III - Do pregão eletrônico Art. 121 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Seção VII - Da revogação e da anulação Art. 122 (art. 49 da Lei nº 8.666/93) Capítulo IX - Dos contratos Seção I - Disposições preliminares Art. 123 (art. 54, caput da Lei nº 8.666/93) Art. 124 (art. 54, 1º e 2º da Lei nº 8.666/93) Art. 124, 3º e 4º (art. 64, caput e 1º da Lei 8.666/93) Art. 125 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 126 (art. 55 da Lei nº 8.666/93) Art. 126, parágrafo único (art. 55, 2º e 3º da Lei nº 8.666/93) Art. 127 (art. 58 da Lei nº 8.666/93) Art. 128 (art. 59 da Lei nº 8.666/93) Art. 129 (art. 62, 3º da Lei nº 8.666/93) Art. 130 (art. 50 da Lei nº 8.666/93) Seção II - Da formalização Art. 131 (art. 61 da Lei nº 8.666/93) Art. 131, 1º (art. 61, parágrafo único da Lei nº 8.666/93) Art. 131, 4º (art. 60, parágrafo único da Lei nº 8.666/93) Art. 131, 5º (art. 60, caput da Lei nº 8.666/93) Art. 132 (art. 62 da Lei nº 8.666/93) Art. 132, 3º (art. 62, 4º da Lei nº 8.666/93) Art. 133 (art. 38, parágrafo único) Art. 134 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 135 (art. 65, 8º da Lei nº 8.666/93) Seção III - Das garantias Art. 136 (art. 56 da Lei nº 8.666/93) Art. 136, 6º (art.56, 4º da Lei nº 8.666/93) Art. 137 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 138 (art. 56, 5º da Lei nº 8.666/93) Seção IV - Dos prazos de duração Art. 139 (art. 57, 3º da Lei nº 8.666/93) Art. 140 (art. 57 da Lei nº 8.666/93) Art. 140, parágrafo único (art. 57, 4º da Lei nº 8.666/93) Art. 141 (art. 57, 1º da Lei nº 8.666/93) Art. 142 (art. 57, 2º da Lei nº 8.666/93)

11 Seção V - Das alterações contratuais Art. 143 (art. 65 da Lei nº 8.666/93) Art. 143, 1º (art. 65, 1º da Lei nº 8.666/93) Art. 143, 2º (art. 65, 3º da Lei nº 8.666/93) Art. 143, 3º (art. 65, 2º da Lei nº 8.666/93) Art. 143, 4º (art. 65, 4º da Lei nº 8.666/93) Art. 143, 5º (art. 65, 5º da Lei nº 8.666/93) Art. 143, 8º (art. 65, 8º da Lei nº 8.666/93) Seção VI - Do reajustamento Art. 144 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 145 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 146 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 147 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 148 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 149 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 150 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Seção VII - Da execução, da fiscalização e do recebimento do objeto contratual Art. 151 (art. 66 da Lei nº 8.666/93) Art. 152 (art. 40, 3º da Lei nº 8.666/93) Art. 153 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 154 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 155 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 156 (art. 68 da Lei nº 8.666/93) Art. 157 (art. 69 da Lei nº 8.666/93) Art. 158 (art.70 da Lei nº 8.666/93) Art. 159 (art 71 da Lei nº 8.666/93) Art. 160 (art. 72 da Lei nº 8.666/93) Art. 161 (art. 73 da Lei nº 8.666/93) Art. 162 (art. 74 da Lei nº 8.666/93) Art. 163 (art. 75 da Lei nº 8.666/93) Art. 164 (art. 76 da Lei nº 8.666/93) Art. 165 (art. 73, 2º da Lei nº 8.666/93) Seção VIII - Da inexecução e da rescisão dos contratos Art. 166 (art. 77 da Lei nº 8.666/93) Art. 167 (art. 78 da Lei nº 8.666/93) Art. 167, inciso XVI (art. 78, inciso XIII da Lei nº 8.666/93) Art. 167, inciso XVII (art. 78, inciso XIV da Lei nº 8.666/93) Art. 167, inciso XVIII(art. 78, inciso XV da Lei nº 8.666/93) Art. 167, inciso XIX (art. 78, inciso XVI da Lei nº 8.666/93)

12 Art. 167, inciso XX (art. 78, XVII da Lei nº 8.666/93) Art. 168 (art. 79 da Lei nº 8.666/93) Art. 168, 3º (art. 79, 5º da Lei nº 8.666/93) Art. 169 (art. 80 da Lei nº 8.666/93) Capítulo X - Dos Convênios Art. 170 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 171 (art. 116, 1º da Lei nº 8.666/93) Art. 172 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 173 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 174 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 175 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 176 (art. 116, 3º da Lei nº 8.666/93) Art. 177 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 178 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 179 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 180 (art. 116, 4º da Lei nº 8.666/93) Art. 181 (art. 116, 5º da Lei nº 8.666/93) Art. 182 (art. 116, 6º da Lei nº 8.666/93) Art. 183 (art. 116 da Lei nº 8.666/93) Capítulo XI - Das sanções administrativas Art. 184, inciso I (art. 90 da Lei nº 8.666/93) Art. 184, inciso II (art.94 da Lei nº 8.666/93) Art. 184, inciso III (art. 95 da Lei n º 8.666/93) Art. 184, inciso IV (art. 95, parágrafo único da Lei nº8.666/93) Art. 184, inciso VI (art. 81 da Lei nº 8.666/93) Art. 185 inciso I (art. 92 da Lei nº 8.666/93) Art. 185, inciso II (art. 92, parágrafo único da Lei nº 8.666/93) Art. 185, inciso VI (art 96 da Lei nº 8.666/93) Art. 185, inciso VII (art. 88, inciso I da Lei nº 8.666/93) Art. 186 (art. 87 da Lei nº 8.666/93) Art. 187 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 188 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 189 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 190 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 191 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 192 ( art. 86 da Lei nº 8.666/93) Art. 193 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 194 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 195 ( art. 87, inciso I da Lei nº 8.666/93) Art. 196 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 197 (não há correspondência na Lei nº 8.666/

13 Art. 198 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 199 (art. 88 da Lei nº 8.666/93) Art. 200 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Capítulo XII - Das impugnações, dos recursos e das representações Art. 201 (art. 41, 1º da Lei nº 8.666/93) Art. 201, 1º (art. 41, 2ºda Lei nº 8.666/93) Art. 201, 2º (art. 41, 3º da Lei nº 8.666/93) Art. 201, 3º (art. 41, 4º da Lei nº 8.666/93) Art. 202 (art. 109 da Lei nº 8.666/93) Art. 203 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 204 (art. 113, 1º da Lei nº 8.666/93) Art. 204, parágrafo único (art. 113, 2º da Lei nº 8.666/93) Capítulo XIII - Das responsabilidades dos agentes públicos Seção I - Disposições gerais Art. 205 ( art. 82 da Lei nº 8.666/93) Art. 206 ( art. 85 da Lei nº 8.666/93) Art. 207 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Seção II - Das faltas disciplinares Art Art. 208, inciso I (art. 89, parágrafo único da Lei nº 8.666/93) Art. 208, inciso II (art. 91, da Lei nº 8.666/93) Art. 208, inciso III (art. 92, da Lei nº 8.666/93) Art. 208, inciso VI (art. 96, da Lei nº 8.666/93) Art. 208, inciso XII (art. 97, da Lei nº 8.666/93) Art. 208, inciso XIV (art. 99, 1º da Lei nº 8.666/93) Art. 209 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Capítulo XIV - Das disposições finais e transitórias Art. 210 (art. 110 da Lei nº 8.666/93) Art. 211 (art. 112 da Lei nº 8.666/93) Art. 212 (art. 114 da Lei nº 8.666/93) Art. 213 (art.113 da Lei nº 8.666/93) Art. 214 ( art. 113, 2º da Lei nº 8.666/93) Art. 215 (art. 124 da Lei nº 8.666/93) Art. 216 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93) Art. 217 (não há correspondência na Lei nº 8.666/93)

14 TABELA DE CORRESPONDÊNCIA Lei Federal nº 8.666/93 e Lei Estadual nº 9.433/05 Capítulo I Das Disposições Gerais (arts. 1 a 19) Art. 1º... Art. 1º Art. 2º... Arts. 2º e 8º Art. 3º. Art. 3º Art. 4º... Art. 4º Art. 5º. Arts. 6º e 7º Art. 6º. Arts. 8º e 13 Art. 7º. Arts. 11, 12, 16, 17, 21 e 31 Art. 8º. Art. 15 Art. 9º... Art. 18 Art.10. Art. 20 Art. 11 Art. 19 Art. 12 Art. 14 Art. 13 Art. 23 Art. 14 Art. 30 Art. 15 Arts. 31 e 33 Art. 16 Art. 32 Art. 17 Arts. 34, 35 e 39 Art. 18 Art. 37 Art. 19 sem correspondência Capítulo II Da Licitação (arts. 20 a 53) Art Art. 49 Art Art. 54 Art Art. 50 Art Arts.15, 50 e 53 Art Arts. 54 e 59 Art Art. 60 Art Art. 65, 2º Art Art. 98 Art Art. 99 Art Art. 100 e 124 Art Art. 101 Art. 31 Art. 102 Art Arts. 84, 103 e 104 Art Art. 105 Art Art. 69, 1º e art. 71 Art sem correspondência Art. 36 Art. 69, 4º e 5º Art. 37. Art. 70 Art Arts. 74, 75 e 133 Art Arts. 8, XX e XXIX, 76 Art. 40..Arts.8, XXXIV, 79, 80, 81, 82 e 152 Art. 41. Arts. 90 e 201 Art Art.89 Art Art. 78 Art Art. 91 Art Arts. 57, 58, 92, 93 e 94 Art Arts. 58, 95 e 96 Art Art. 83 Art Art. 97 Art Art. 122 Art Art. 130 Art Art. 72 Art Art. 51 Art Art

15 Capítulo III Dos Contratos (arts. 54 a 80) Art Arts. 123 e 124 Art Art. 126 Art Arts. 136 e 138 Art Arts. 139, 140,141 e 142 Art Art. 127 Art Art. 128 Art Arts. 131, 4º e 5º Art Art. 131 Art Arts. 129 e 132 Art Art. 77 Art Art. 124, 3º e 4º Art Arts. 135 e 143 Art Art. 151 Art sem correspondência Art Art. 156 Art Art. 157 Art Art. 158 Art Art. 159 Art Art. 160 Art. 73. Arts. 161 e 165 Art. 74. Art. 162 Art Art.163 Art Art. 164 Art. 77. Art. 166 Art Art. 167 Art Art. 168 Art Art. 169 Capítulo IV Das Sanções Administrativas e da Tutela Judicial (arts ) Art Art. 184, VI Art Art. 205 Art sem correspondência Art Art Art Art Art. 209, único Art. 206 Art. 192 Arts. 186 e 195 Art Arts. 185, VII, 186,199 Art Art. 208, I Art Art. 184, I Art Art. 208, II Art Arts. 185, I e II e 208,III Art sem correspondência Art Art. 184, II Art. 95 Art. 184, III e IV Art Arts. 185, VI e 208, VI Art Art. 208, XII Art sem correspondência Art Art. 208, XIV Art sem correspondência Art sem correspondência Art sem correspondência Art sem correspondência Art sem correspondência Art sem correspondência Art sem correspondência Art sem correspondência Art sem correspondência Capítulo V Dos Recursos Administrativos (art. 109) Art. 109 Art

16 Capítulo VI Das Disposições Finais e Transitórias (arts. 110 a 126) Art Art. 210 Art Art. 23 Art Art. 211 Art Arts. 204 e 213 Art Art. 212 Art sem correspondência Art Arts. 171, 176, 180, 181, 182 e 183 Art sem correspondência Art sem correspondência Art Art Art Art Art Art Art Art Art. 1º, 3º sem correspondência sem correspondência sem correspondência sem correspondência Art.215 sem correspondência sem correspondência 16

17 ESTUDO COMPARATIVO COM AS LEIS DE LICITAÇÕES E CONTRATOS LEI ESTADUAL Nº 9.433/05 LEI FEDERAL Nº 8.666/93 CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS SEÇÃO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS SEÇÃO I DOS PRINCÍPIOS Regime Jurídico das Licitações e Contratos Art. 1º. Esta Lei disciplina o regime jurídico das licitações e contratos administrativos pertinentes a obras, serviços, compras, alienações e locações no âmbito dos Poderes do Estado da Bahia, em consonância com as normas gerais estabelecidas pelas Leis Federais nos 8.666, de 21 de junho de 1993, e , de 17 de julho de 2002, e segundo o mandamento do art. 26 da Constituição do Estado da Bahia. Art. 1º. Esta Lei estabelece normas gerais sobre licitações e contratos administrativos pertinentes a obras, serviços, inclusive de publicidade, compras, alienações e locações no âmbito dos Poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios. Pessoas Jurídicas subordinadas ao regime desta Lei 1º Aos Poderes Legislativo e Judiciário, inclusive ao Tribunal de Contas do Estado e ao dos Municípios, bem como ao Ministério Público, aplicam-se as disposições desta Lei. 2º Subordinam-se ao regime desta Lei os órgãos da Administração Direta do Estado, suas autarquias e fundações públicas. 3º As sociedades de economia mista, empresas públicas e demais entidades de direito privado controladas, direta ou indiretamente, pelo Estado da Bahia, que sejam prestadoras de serviço público, submeter-se-ão às disposições desta Lei até que elaborem se- Parágrafo único. Subordinam-se ao regime desta Lei, além dos órgãos da administração direta, os fundos especiais, as autarquias, as fundações públicas, as empresas públicas, as sociedades de economia mista e demais entidades controladas direta ou indiretamente pela União, Estados, Distrito Federal e Municípios. Art As socidades de economia mista, empresas e fundações públicas e demais entidades controladas direta ou indiretamente pela União e pelas entidades referidas no artigo anterior editarão regulamentos próprios devidamente publicados, ficando sujeitas 17

18 Art. 3º. A licitação destina-se a garantir a observância do princípio constitucional da isonomia e a selecionar a proposta mais vantaus regulamentos próprios de licitação e contratos administrativos, cuja eficácia dependerá de aprovação pela autoridade a que estiverem vinculadas e de publicação na imprensa oficial, observados os princípios da Administração Pública. 4º As sociedades de economia mista, empresas públicas e demais entidades de direito privado controladas, direta ou indiretamente, pelo Estado da Bahia, que sejam exploradoras de atividades econômicas, submeter-se-ão às disposições desta Lei ou de seus regulamentos próprios até que seja editada a lei instituidora do estatuto jurídico prevista na Constituição Federal. às disposições desta Lei. Parágrafo único. Os regulamentos a que se refere este artigo, no âmbito da Administração Pública, após aprovados pela autoridade de nível superior a que estiverem vinculados os respectivos órgãos, sociedades e entidades, deverão ser publicados na imprensa oficial. Vide art. 22, XXVII c/c art. 173, 1º, III da C.F. SEÇÃO II DOS PRINCÍPIOS Obrigatoriedade da Licitação Art. 2º. As contratações de obras e serviços, inclusive os de publicidade, compras, alienações, concessões e locações, bem como a outorga de permissões pela Administração Pública Estadual, serão obrigatoriamente precedidas de licitação, ressalvados unicamente os casos previstos em lei. Art. 2º. As obras, serviços, inclusive de publicidade, compras, alienações, concessões, permissões e locações da Administração Pública, quando contratadas com terceiros, serão necessariamente precedidas de licitação, ressalvadas as hipóteses previstas nesta Lei. Vide art. 37, inciso XXI da C.F. Princípios Art. 3º. A licitação destina-se a garantir a observância do princípio constitucional da isonomia e a selecionar a proposta mais vanta- 18

19 2º Em igualdade de condições, como critério de desempate, será assegurada prefejosa para a Administração e será processada e julgada em estrita conformidade com os princípios básicos da legalidade, da impessoalidade, da moralidade, da igualdade, da publicidade, da eficiência, da probidade administrativa, da vinculação ao instrumento convocatório, do julgamento objetivo e dos que lhes são correlatos. josa para a Administração e será processada e julgada em estrita conformidade com os princípios básicos da legalidade, da impessoalidade, da moralidade, da igualdade, da publicidade, da probidade administrativa, da vinculação ao instrumento convocatório, do julgamento objetivo e dos que lhes são correlatos. Vide art. 37, caput dac.f Vedação aos Agentes Públicos 1º É vedado aos agentes públicos, sob pena de responsabilidade: 1º É vedado aos agentes públicos: I - admitir, prever, incluir ou tolerar, nos atos de convocação, cláusulas ou condições que comprometam, restrinjam ou frustrem o seu caráter competitivo e estabeleçam preferências ou distinções em razão da naturalidade, da sede ou domicílio dos licitantes, ou de qualquer outra circunstância impertinente ou irrelevante para o objeto específico do contrato; I - admitir, prever, incluir ou tolerar, nos atos de convocação, cláusulas ou condições que comprometam, restrinjam ou frustem o seu caráter competitivo e estabeleçam preferências ou distinções em razão da naturalidade, da sede ou domicílio dos licitantes ou de qualquer outra circunstância impertinente ou irrelevante para o específico objeto do contrato; Vide art. 12 II - estabelecer tratamento diferenciado de natureza comercial, legal, trabalhista, previdenciária ou qualquer outra, entre empresas brasileiras e estrangeiras, inclusive quanto à moeda, modalidade e local de pagamentos, mesmo quando envolvidos financiamentos de agências internacionais, ressalvado o disposto no parágrafo seguinte e no art. 3 da Lei n 8.248, de 23 de outubro de II - estabelecer tratamento diferenciado de natureza comercial, legal, trabalhista, previdenciária ou qualquer outra, entre empresas brasileiras e estrangeiras, inclusive no que se refere a moeda, modalidade e local de pagamentos, financiamentos de agências internacionais, ressalvado o disposto no parágrafo seguinte e no art. 3. da Lei n , de 23 de outubro de Critério de Desempate 2º Em igualdade de condições e somente como critério de desempate, será assegu- 19

20 rada preferência, sucessivamente, aos bens e serviços: rência sucessivamente, aos bens e serviços: I - produzidos no País; II - produzidos ou prestados por empresas brasileiras. Vide EC nº006/95 I - produzidos ou prestados por empresas brasileiras de capital nacional; II - produzidos no País; III - produzidos ou prestados por empresas brasileiras. Publicidade dos Atos 3º São públicos e acessíveis a todos os atos do procedimento licitatório, mas o conteúdo das propostas será conservado em sigilo até a sua oportuna abertura em público, conforme previsto nesta Lei. 3º A licitação não será sigilosa, sendo públicos e acessíveis ao público os atos de seu procedimento, salvo quanto ao conteúdo das propostas, até a respectiva abertura. Vide art. 5º e art. 77. Regular Processo Legal Art. 4º. Todos quantos participem de licitação promovida pelos órgãos ou entidades a que se refere o art. 1º têm direito público subjetivo à fiel observância do pertinente procedimento estabelecido nesta Lei, assegurando-se-lhes o contraditório e a ampla defesa, com os meios e recursos que lhes sejam inerentes. Controle pelo Cidadão da Publicidade Art. 5º. É assegurado a todo cidadão, nos termos previstos nesta Lei, desde quando não interfira de modo a perturbar ou impedir a realização dos trabalhos, amplo direito ao acompanhamento, vigilância e participação do procedimento licitatório, bem como à representação contra eventuais irregularida- Art. 4º. Todos quantos participem de licitação promovida pelos órgãos ou entidades a que se refere o artigo 1º têm direito público subjetivo à fiel observância do pertinente procedimento estabelecido nesta Lei, podendo qualquer cidadão acompanhar o seu desenvolvimento, desde que não interfira de modo a perturbar ou impedir a realização dos trabalhos. Parágrafo único. O procedimento licitatório previsto nesta Lei caracteriza ato administrativo formal, seja ele praticado em qualquer esfera da Administração Pública. 20

Lei de Licitações e Contratos Administrativos

Lei de Licitações e Contratos Administrativos Lei de Licitações e Contratos Administrativos Incluindo legislação complementar correlata. Organizadores Juliano José Lopes Julieta Mendes Lopes Vareschini 7ª Edição EDITORA JML Editada e distribuída em

Leia mais

Contratos. Licitações & Contratos - 3ª Edição

Contratos. Licitações & Contratos - 3ª Edição Contratos 245 Conceito A A Lei de Licitações considera contrato todo e qualquer ajuste celebrado entre órgãos ou entidades da Administração Pública e particulares, por meio do qual se estabelece acordo

Leia mais

DECRETO N 001 A / 2015 De 02 de janeiro de 2015.

DECRETO N 001 A / 2015 De 02 de janeiro de 2015. DECRETO N 001 A / 2015 De 02 de janeiro de 2015. EMENTA: Regulamenta o Sistema de Registro de Preços SRP previsto no art. 15 da Lei nº 8.666/93, no âmbito do Município de Central Bahia. O PREFEITO DO MUNICÍPIO

Leia mais

7 SPDM ASSOCIAÇÃO PAULISTA PARA O DESENVOLVIMENTO DA MEDICINA Programa de Atenção Integral à Saúde

7 SPDM ASSOCIAÇÃO PAULISTA PARA O DESENVOLVIMENTO DA MEDICINA Programa de Atenção Integral à Saúde REGULAMENTO DE COMPRAS e CONTRATAÇÃO DE OBRAS E SERVIÇOS DAS UNIDADES SOB GERENCIAMENTO DA O.S.S. SPDM ASSOCIAÇÃO PAULISTA PARA O DESENVOLVIMENTO DA MEDICINA PROGRAMA DE ATENÇÃO INTEGRAL À SAÚDE A SPDM

Leia mais

OBRAS PÚBLICAS: QUESTÕES PRÁTICAS DA LICITAÇÃO AO RECEBIMENTO

OBRAS PÚBLICAS: QUESTÕES PRÁTICAS DA LICITAÇÃO AO RECEBIMENTO FECAM Escola de Gestão Pública Municipal OBRAS PÚBLICAS: QUESTÕES PRÁTICAS DA LICITAÇÃO AO RECEBIMENTO Módulo II Chapecó, março/2012 1 Aspectos Legais da Licitação de Obras Denise Regina Struecker Auditora

Leia mais

LEI Nº- 12.349, DE 15 DE DEZEMBRO DE 2010. Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

LEI Nº- 12.349, DE 15 DE DEZEMBRO DE 2010. Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei: LEI Nº- 12.349, DE 15 DE DEZEMBRO DE 2010 O P R E S I D E N T E D A R E P Ú B L I C A Altera as Leis nos 8.666, de 21 de junho de 1993, 8.958, de 20 de dezembro de 1994, e 10.973, de 2 de dezembro de 2004;

Leia mais

ANEXO VII LEI Nº13.190 DE 11 DE JULHO DE

ANEXO VII LEI Nº13.190 DE 11 DE JULHO DE ANEXO VII LEI Nº13.190 DE 11 DE JULHO DE 2014 Dispõe sobre as diretrizes orçamentárias para o exercício de 2015, e dá outras providências. Art. 60 - Sem prejuízo das disposições contidas nos demais artigos,

Leia mais

Estabelece margem de preferência em licitações para produtos manufaturados e serviços nacionais, priorizando bens e serviços produzidos no País.

Estabelece margem de preferência em licitações para produtos manufaturados e serviços nacionais, priorizando bens e serviços produzidos no País. MEDIDA PROVISÓRIA N 495, DE 19 DE JULHO DE 2010 Estabelece margem de preferência em licitações para produtos manufaturados e serviços nacionais, priorizando bens e serviços produzidos no País. Altera as

Leia mais

Regulamenta o Sistema de Registro de Preços previsto no art. 15 da Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993.

Regulamenta o Sistema de Registro de Preços previsto no art. 15 da Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993. DECRETO N.º 7.892, DE 23 DE JANEIRO DE 2013. Regulamenta o Sistema de Registro de Preços previsto no art. 15 da Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993. A PRESIDENTA DA REPÚBLICA, no uso da atribuição que

Leia mais

LEI Nº 8.666, DE 21 DE JUNHO DE 1993

LEI Nº 8.666, DE 21 DE JUNHO DE 1993 LEI Nº 8.666, DE 21 DE JUNHO DE 1993 Regulamenta o art. 37, inciso XXI, da Constituição Federal, institui normas para licitações e contratos da Administração Pública e dá outras providências. O PRESIDENTE

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA

ESTADO DE SANTA CATARINA DECRETO N.º 2356/2013 Regulamenta o Sistema de Registro de Preços previsto no art. 15 da Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993, e dá outras providências. Rosane Minetto Selig, Prefeita Municipal de Ouro

Leia mais

LIVRO: LICITAÇÕES E CONTRATOS ADMINISTRATIVOS EDITORA: GEN MÉTODO EDIÇÃO: 2ªED., 2013 SUMÁRIO

LIVRO: LICITAÇÕES E CONTRATOS ADMINISTRATIVOS EDITORA: GEN MÉTODO EDIÇÃO: 2ªED., 2013 SUMÁRIO LIVRO: LICITAÇÕES E CONTRATOS ADMINISTRATIVOS EDITORA: GEN MÉTODO EDIÇÃO: 2ªED., 2013 SUMÁRIO APRESENTAÇÃO... Capítulo I LICITAÇÃO 1.1. Conceito... 1.2. Fontes normativas... 1.3. Competência legislativa...

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 3.931, DE 19 DE SETEMBRO DE 2001. Regulamenta o Sistema de Registro de Preços previsto no art. 15 da Lei nº 8.666, de 21

Leia mais

DECRETO Nº. 6.204, DE 5 DE SETEMBRO DE 2007 DOU 06.09.2007

DECRETO Nº. 6.204, DE 5 DE SETEMBRO DE 2007 DOU 06.09.2007 DECRETO Nº. 6.204, DE 5 DE SETEMBRO DE 2007 DOU 06.09.2007 Regulamenta o tratamento favorecido, diferenciado e simplificado para as microempresas e empresas de pequeno porte nas contratações públicas de

Leia mais

DECRETO Nº 037, DE 08 DE JANEIRO DE 2015

DECRETO Nº 037, DE 08 DE JANEIRO DE 2015 1 Gabinete do Prefeito DECRETO Nº 037, DE 08 DE JANEIRO DE 2015 Dispõe sobre critérios a serem adotados na execução orçamentária e financeira do Poder Executivo do Município de Goiânia para o exercício

Leia mais

REGULAMENTO DE COMPRAS

REGULAMENTO DE COMPRAS REGULAMENTO DE COMPRAS A SPDM /PAIS Associação Paulista Para O Desenvolvimento da Medicina, vem por meio deste dar publicidade ao Regulamento Próprio utilizado contendo os procedimentos que adotará para

Leia mais

LEI Nº 8.666 DE 21 DE JUNHO DE 1993 SUMÁRIO

LEI Nº 8.666 DE 21 DE JUNHO DE 1993 SUMÁRIO LEI Nº 8.666 DE 21 DE JUNHO DE 1993 SUMÁRIO CAPÍTULO I - DAS DISPOSIÇÕES GERAIS SEÇÃO I - DOS PRINCÍPIOS arts. 1º ao 5º SEÇÃO II - DAS DEFINIÇÕES art. 6º SEÇÃO III - DAS OBRAS E SERVIÇOS arts. 7º ao 12

Leia mais

BuscaLegis.ccj.ufsc.br

BuscaLegis.ccj.ufsc.br BuscaLegis.ccj.ufsc.br Licitação segundo a Lei n. 8.666/93 Leila Lima da Silva* *Acadêmica do 6º período do Curso de Direito das Faculdades Integradas Curitiba - Faculdade de Direito de Curitiba terça-feira,

Leia mais

DIÁRIO OFICIAL EDIÇÃO Nº 030224 de 30/06/2004

DIÁRIO OFICIAL EDIÇÃO Nº 030224 de 30/06/2004 DIÁRIO OFICIAL EDIÇÃO Nº 030224 de 30/06/2004 GABINETE DO GOVERNADOR D E C R E T O Nº 1.093, DE 29 DE JUNHO DE 2004 Institui, no âmbito da Administração Pública Estadual, o Sistema de Registro de Preços

Leia mais

Lei 9433/05 Lei nº 9.433 de 01 de Março de 2005 da Bahia

Lei 9433/05 Lei nº 9.433 de 01 de Março de 2005 da Bahia Lei 9433/05 Lei nº 9.433 de 01 de Março de 2005 da Bahia Dispõe sobre as licitações e contratos administrativos pertinentes a obras, serviços, compras, alienações e locações no âmbito dos Poderes do Estado

Leia mais

MUNICÍPIO DE SENGÉS CNPJ/MF 76.911.676/0001-07 TRAVESSA SENADOR SOUZA NAVES N. 95 SENGÉS PARANÁ

MUNICÍPIO DE SENGÉS CNPJ/MF 76.911.676/0001-07 TRAVESSA SENADOR SOUZA NAVES N. 95 SENGÉS PARANÁ DECRETO Nº 600/2014 Súmula:- Regulamenta a aquisição de Bens Permanentes, de Consumo e Serviços destinados a Administração Direta, Indireta e Fundacional do Município de Sengés, através de Pregão, tendo

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO DE COMPRAS E CONTRATAÇÕES

REGULAMENTO INTERNO DE COMPRAS E CONTRATAÇÕES REGULAMENTO INTERNO DE COMPRAS E CONTRATAÇÕES ADITIVO (03) AO TERMO DE CONVÊNIO 3756/10 que entre si celebram a FUNDAÇÃO SOCIAL DE CURITIBA e a VIDA PROMOÇÃO SOCIAL (VPS) A ASSOCIAÇÃO VIDA PROMOÇÃO SOCIAL

Leia mais

NORMA PARA REGULAMENTAÇÃO DAS ATRIBUIÇÕES DOS AGENTES DE COMPRAS DA UNIFEI

NORMA PARA REGULAMENTAÇÃO DAS ATRIBUIÇÕES DOS AGENTES DE COMPRAS DA UNIFEI NORMA PARA REGULAMENTAÇÃO DAS ATRIBUIÇÕES DOS AGENTES DE COMPRAS DA UNIFEI NORMA PARA REGULAMENTAÇÃO DAS ATRIBUIÇÕES DOS AGENTES DE COMPRAS DA UNIFEI Dispõe sobre as atribuições dos agentes de compras

Leia mais

Novas Atitudes. Novos. Estado Gestor

Novas Atitudes. Novos. Estado Gestor Novas Atitudes Paradigmas 1 Procedimentos Estado G t Gestor Instrumentos 2 Sociedade Estado Necessidades Expectativas P i id d Prioridades Recebe a Recebe a pauta Deve se Deve se empenhar para atender

Leia mais

PODER EXECUTIVO. Publicado no D.O de 18.02.2010 DECRETO Nº 42.301 DE 12 DE FEVEREIRO DE 2010

PODER EXECUTIVO. Publicado no D.O de 18.02.2010 DECRETO Nº 42.301 DE 12 DE FEVEREIRO DE 2010 Publicado no D.O de 18.02.2010 DECRETO Nº 42.301 DE 12 DE FEVEREIRO DE 2010 REGULAMENTA O SISTEMA DE SUPRIMENTOS NO ÂMBITO DO PODER EXECUTIVO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O GOVERNADOR

Leia mais

GRUPO. CEP: 57020-670 - Cel. 8830-6001. WAPPE PUBLICIDADE E EVENTOS LTDA Unidade de Cursos www.wap.com.br CNPJ: 05.823.069/0001-39

GRUPO. CEP: 57020-670 - Cel. 8830-6001. WAPPE PUBLICIDADE E EVENTOS LTDA Unidade de Cursos www.wap.com.br CNPJ: 05.823.069/0001-39 Curso de Licitações, Contratos e Sistema de Registro de Preços (SRP) - 20 e 21 de Março Módulo i- licitação Definição O dever de licitar Quem pode licitar Pressuposto Natureza jurídica e fundamentos Legislação

Leia mais

REGIMENTO DA UNIDADE DE AUDITORIA INTERNA DO IF SUDESTE DE MINAS GERAIS CAPÍTULO I

REGIMENTO DA UNIDADE DE AUDITORIA INTERNA DO IF SUDESTE DE MINAS GERAIS CAPÍTULO I REGIMENTO DA UNIDADE DE AUDITORIA INTERNA DO IF SUDESTE DE MINAS GERAIS CAPÍTULO I Disposições Preliminares Art. 1º A Auditoria Interna do IF Sudeste de Minas Gerais, está vinculada ao Conselho Superior,

Leia mais

DIREITO ADMINISTRATIVO CONTRATOS ADMINISTRATIVOS

DIREITO ADMINISTRATIVO CONTRATOS ADMINISTRATIVOS DIREITO ADMINISTRATIVO CONTRATOS ADMINISTRATIVOS Atualizado em 22/10/2015 CONTRATOS ADMINISTRATIVOS São contratos celebrados pela Administração Pública sob regime de direito público com particulares ou

Leia mais

FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL - FMAS

FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL - FMAS FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL Órgão/Sigla: Natureza Jurídica: Vinculação: Finalidade: FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTÊNCIA SOCIAL - FMAS FUNDO SECRETARIA MUNICIPAL DO TRABALHO, ASSISTÊNCIA SOCIAL E DIREITOS

Leia mais

Conforme previsto no item VIII do edital de Pregão nº 44/2009, apresentamos nosso pedido de esclarecimentos sobre a licitação, conforme segue:

Conforme previsto no item VIII do edital de Pregão nº 44/2009, apresentamos nosso pedido de esclarecimentos sobre a licitação, conforme segue: Quanto aos questionamentos apresentados pela empresa LORENO, passamos a responder o seguinte: Conforme previsto no item VIII do edital de Pregão nº 44/2009, apresentamos nosso pedido de esclarecimentos

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º 1.213, DE 2015 (Do Sr. João Fernando Coutinho)

PROJETO DE LEI N.º 1.213, DE 2015 (Do Sr. João Fernando Coutinho) *C0052894A* C0052894A CÂMARA DOS DEPUTADOS PROJETO DE LEI N.º 1.213, DE 2015 (Do Sr. João Fernando Coutinho) Altera as Leis nº 8.666, de 21 de junho de 1993 e nº 8.987, de 13 de fevereiro de 1995, para

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 14/2011

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 14/2011 INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 14/2011 Ver também IN 7/13 Disciplina a organização e a apresentação das contas anuais dos administradores e demais responsáveis por unidades jurisdicionadas das administrações direta

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA PROCURADORIA GERAL DO ESTADO PROCURADORIA DE LICITAÇÕES E CONTRATOS

GOVERNO DO ESTADO DA BAHIA PROCURADORIA GERAL DO ESTADO PROCURADORIA DE LICITAÇÕES E CONTRATOS 1 PROCESSO Nº PGE2009084808-0 PARECER Nº PLC-AO-LB-1502/2009 LICITAÇÃO. Prestação de serviço de hospedagem. Serviços não contínuos. Lei federal nº 11.771/08. Necessidade de comprovação de Cadastro no Ministério

Leia mais

LEI Nº 599/2011. Artigo 1 - As consignação Pública direta e indireta do Município de Novo São Joaquim são disciplinadas por esta Lei.

LEI Nº 599/2011. Artigo 1 - As consignação Pública direta e indireta do Município de Novo São Joaquim são disciplinadas por esta Lei. LEI Nº 599/2011 DISPÕE SOBRE AS CONSIGNAÇÕES EM FOLHA DE PAGAMENTO DOS SERVIDORES PÚBLICOS MUNICIPAIS E DA OUTRAS PROVIDÊNCIAS. LEONARDO FARIAS ZAMPA, Prefeito Municipal de Novo São Joaquim MT faz saber

Leia mais

MUNICÍPIO DE CÓRREGO DO BOM JESUS ADMINISTRAÇÃO 2013 2016

MUNICÍPIO DE CÓRREGO DO BOM JESUS ADMINISTRAÇÃO 2013 2016 CONTRATO Nº 038/2014 MUNICÍPIO DE CÓRREGO DO BOM JESUS O MUNICÍPIO DE CÓRREGO DO BOM JESUS, Estado de Minas Gerais, pessoa jurídica de direito público, inscrita no CNPJ/MF sob o nº 18.677.633/0001-02,

Leia mais

Formação dos integrantes do Conselho de Planejamento e Orçamento Participativos (CPOP)

Formação dos integrantes do Conselho de Planejamento e Orçamento Participativos (CPOP) Formação dos integrantes do Conselho de Planejamento e Orçamento Participativos (CPOP) Conceitos gerais de gestão pública: princípios e regras da administração pública, processos de licitação, contratos

Leia mais

O GOVERNADOR DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, no uso da atribuição que lhe confere o art. 82, incisos V e VII, da Constituição do Estado,

O GOVERNADOR DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, no uso da atribuição que lhe confere o art. 82, incisos V e VII, da Constituição do Estado, DECRETO N 42.434, DE 09 DE SETEMBRO DE 2003, DOERS. Regulamenta, no âmbito do Estado do Rio Grande do Sul, a modalidade de licitação denominada pregão, por meio eletrônico, para a aquisição de bens e serviços

Leia mais

Gestão de Contratos. Noções

Gestão de Contratos. Noções Gestão de Contratos Noções Contrato - Conceito Contrato é todo acordo de vontades, celebrado para criar, modificar ou extinguir direitos e obrigações de índole patrimonial entre as partes (Direito Civil).

Leia mais

PORTARIA N o 15, DE 28 DE ABRIL DE 2015. (publicada no DOU de 29/04/15, Seção I, página 87)

PORTARIA N o 15, DE 28 DE ABRIL DE 2015. (publicada no DOU de 29/04/15, Seção I, página 87) PORTARIA N o 15, DE 28 DE ABRIL DE 2015. (publicada no DOU de 29/04/15, Seção I, página 87) Estabelece procedimentos a serem observados pelos órgãos dos Poderes Legislativo e Judiciário, pelo Ministério

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 424/2003 (Revogada pela Resolução nº 522/2007)

RESOLUÇÃO Nº 424/2003 (Revogada pela Resolução nº 522/2007) Publicação: 29/08/03 RESOLUÇÃO Nº 424/2003 (Revogada pela Resolução nº 522/2007) Cria a Superintendência Administrativa do Tribunal de Justiça e estabelece seu Regulamento. A CORTE SUPERIOR DO TRIBUNAL

Leia mais

CURSO Elaboração de Especificações de Itens para o Catálogo de bens, materiais e serviços.

CURSO Elaboração de Especificações de Itens para o Catálogo de bens, materiais e serviços. CURSO Elaboração de Especificações de Itens para o Catálogo de bens, materiais e serviços. FRANCISCO JOSÉ COELHO BEZERRA Gestor de Registro de Preços Fortaleza 26 a 28/11/2014 SORAYA QUIXADÁ BEZERRA Gestora

Leia mais

VIVA RIO REGULAMENTO PARA AQUISIÇÃO DE BENS E CONTRATAÇÃO DE OBRAS, SERVIÇOS E LOCAÇÕES

VIVA RIO REGULAMENTO PARA AQUISIÇÃO DE BENS E CONTRATAÇÃO DE OBRAS, SERVIÇOS E LOCAÇÕES VIVA RIO REGULAMENTO PARA AQUISIÇÃO DE BENS E CONTRATAÇÃO DE OBRAS, SERVIÇOS E LOCAÇÕES O PRESIDENTE DA VIVA RIO, no uso de suas atribuições regimentais, torna público o anexo Regulamento para Aquisição

Leia mais

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 389, DE 26 DE NOVEMBRO DE 2015 (Em vigor a partir de 01/01/2016) Dispõe sobre a transparência das informações no âmbito da saúde suplementar, estabelece a obrigatoriedade da

Leia mais

Leis sobre TV paga - TV por Satélite REGULAMENTO SERVIÇO DE TRANSPORTE DE SINAIS DE TELECOMUNICAÇÕES POR SATÉLITE. Capítulo I DAS GENERALIDADES

Leis sobre TV paga - TV por Satélite REGULAMENTO SERVIÇO DE TRANSPORTE DE SINAIS DE TELECOMUNICAÇÕES POR SATÉLITE. Capítulo I DAS GENERALIDADES Leis sobre TV paga - TV por Satélite REGULAMENTO SERVIÇO DE TRANSPORTE DE SINAIS DE TELECOMUNICAÇÕES POR SATÉLITE Capítulo I DAS GENERALIDADES Art. 1o Este Regulamento dispõe sobre Serviço de Transporte

Leia mais

CONVÊNIOS E CONSÓRCIOS

CONVÊNIOS E CONSÓRCIOS CONVÊNIOS E CONSÓRCIOS 1. LEGISLAÇÃO - Fundamentação Constitucional: Art. 241 da CF/88 - Fundamentação Legal: Art. 116 da Lei 8.666/93, 2. CONCEITO - CONVÊNIO - é o acordo firmado por entidades políticas

Leia mais

PORTARIA SOF N o 10, DE 12 DE FEVEREIRO DE 2014. (publicada no DOU de 13/02/14, Seção I, página 103)

PORTARIA SOF N o 10, DE 12 DE FEVEREIRO DE 2014. (publicada no DOU de 13/02/14, Seção I, página 103) PORTARIA SOF N o 10, DE 12 DE FEVEREIRO DE 201. (publicada no DOU de 13/02/1, Seção I, página 103) Estabelece procedimentos a serem observados pelos órgãos dos Poderes Legislativo e Judiciário, pelo Ministério

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos LEI Nº 11.653, DE 7 ABRIL DE 2008. Mensagem de veto Dispõe sobre o Plano Plurianual para o período 2008/2011. seguinte Lei: O PRESIDENTE

Leia mais

Brasileira (UNILAB).

Brasileira (UNILAB). RESOLUÇÃO N 029/2013, DE 25 DE NOVEMBRO DE 2013. Aprova o Regimento da Unidade de Auditoria Interna da Brasileira (UNILAB). Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro- O VICE-REITOR, PRO

Leia mais

G E S T Ã O D E C O M P R A S P O R R E G I S T R O D E P R E Ç O S. VALDIR AUGUSTO DA SILVA Gestão Estratégica de Compras Portal de Compras

G E S T Ã O D E C O M P R A S P O R R E G I S T R O D E P R E Ç O S. VALDIR AUGUSTO DA SILVA Gestão Estratégica de Compras Portal de Compras G E S T Ã O D E C O M P R A S P O R R E G I S T R O D E P R E Ç O S VALDIR AUGUSTO DA SILVA Gestão Estratégica de Compras Portal de Compras SUMÁRIO O Sistema de Registro de Preços do Governo do Estado

Leia mais

PORTARIA NORMATIVA N 06/2013 de 16 DE DEZEMBRO de 2013

PORTARIA NORMATIVA N 06/2013 de 16 DE DEZEMBRO de 2013 PORTARIA NORMATIVA N 06/2013 de 16 DE DEZEMBRO de 2013 Dispõe sobre a concessão, aplicação e prestação de contas de suprimento de fundos no âmbito do Conselho de Arquitetura e Urbanismo de Santa Catarina

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 313 DE 02 DE DEZEMBRO DE 2013.

RESOLUÇÃO Nº 313 DE 02 DE DEZEMBRO DE 2013. RESOLUÇÃO Nº 313 DE 02 DE DEZEMBRO DE 2013. DISPÕE SOBRE A CRIAÇÃO E IMPLANTAÇÃO DO CONTROLE INTERNO DO PODER LEGISLATIVO DE POCONÉ E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS O Presidente da Câmara Municipal de Poconé,

Leia mais

1.2. Obrigatoriedade de realização de licitação ( CF, art. 37, XXI)

1.2. Obrigatoriedade de realização de licitação ( CF, art. 37, XXI) ESPECIALIZAÇÃO EM DIREITO PÚBLICO DISCIPLINA: DIREITO ADMINISTRATIVO PROFESSORA: CLARISSA SAMPAIO SILVA 1) LICITAÇÃO - Previsão constitucional: 1.1. Estabelecimento de normas gerais ( CF, art.22, XXVII)

Leia mais

PORTARIA Nº 3.870 DE 15 DE JULHO DE 2014. A PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 4ª REGIÃO, no uso de suas atribuições legais e regimentais,

PORTARIA Nº 3.870 DE 15 DE JULHO DE 2014. A PRESIDENTE DO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 4ª REGIÃO, no uso de suas atribuições legais e regimentais, PORTARIA Nº 3.870 DE 15 DE JULHO DE 2014. Regulamenta as atribuições da Secretaria de Controle Interno do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região e dá outras providências. A PRESIDENTE DO, no uso de

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos 1 de 7 07/10/2015 10:08 Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 8.538, DE 6 DE OUTUBRO DE 2015 Vigência Regulamenta o tratamento favorecido, diferenciado e simplificado

Leia mais

RIO GRANDE DO NORTE LEI COMPLEMENTAR Nº 478, DE 27 DE DEZEMBRO DE 2012.

RIO GRANDE DO NORTE LEI COMPLEMENTAR Nº 478, DE 27 DE DEZEMBRO DE 2012. RIO GRANDE DO NORTE LEI COMPLEMENTAR Nº 478, DE 27 DE DEZEMBRO DE 2012. Dispõe sobre concessão de incentivos à inovação e à pesquisa científica e tecnológica no âmbito do Estado do Rio Grande do Norte.

Leia mais

REGIMENTO INTERNO AUDITORIA INTERNA DA UNIFEI. CAPÍTULO I Disposições Preliminares

REGIMENTO INTERNO AUDITORIA INTERNA DA UNIFEI. CAPÍTULO I Disposições Preliminares REGIMENTO INTERNO DA UNIFEI CAPÍTULO I Disposições Preliminares Art. 1º. A Auditoria Interna da Universidade Federal de Itajubá é um órgão técnico de assessoramento da gestão, vinculada ao Conselho de

Leia mais

Novas modalidades que viabilizem as contratações públicas sustentáveis

Novas modalidades que viabilizem as contratações públicas sustentáveis Novas modalidades que viabilizem as contratações públicas sustentáveis Disseminar conhecimentos de boas práticas e reflexos das normas de sustentabilidade nos processos de contratação da Administração

Leia mais

LEI 8666 de 21/06/1993

LEI 8666 de 21/06/1993 de 21/06/1993 O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte lei: Regulamenta o art. 37, inciso XXI, da Constituição Federal, institui normas para licitações

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA AGE N.º 10, DE 20 DE MAIO DE 2010.

INSTRUÇÃO NORMATIVA AGE N.º 10, DE 20 DE MAIO DE 2010. AUDITORIA GERAL DO ESTADO ATOS DO AUDITOR-GERAL INSTRUÇÃO NORMATIVA AGE N.º 10, DE 20 DE MAIO DE 2010. Estabelece normas de organização e apresentação das prestações de contas de convênios que impliquem

Leia mais

Direito Administrativo

Direito Administrativo Olá, pessoal! Trago hoje uma pequena aula sobre a prestação de serviços públicos, abordando diversos aspectos que podem ser cobrados sobre o assunto. Espero que gostem. PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PÚBLICOS O

Leia mais

Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão GABINETE DO MINISTRO PORTARIA INTERMINISTERIAL Nº 342, DE 5 DE NOVEMBRO DE 2008

Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão GABINETE DO MINISTRO PORTARIA INTERMINISTERIAL Nº 342, DE 5 DE NOVEMBRO DE 2008 Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão GABINETE DO MINISTRO PORTARIA INTERMINISTERIAL Nº 342, DE 5 DE NOVEMBRO DE 2008 Altera a Portaria Interministerial nº 127/MP/MF/CGU, de 29 de maio de 2008,

Leia mais

REGULAMENTO DE COMPRAS DO IDBrasil Cultura, Educação e Esporte

REGULAMENTO DE COMPRAS DO IDBrasil Cultura, Educação e Esporte REGULAMENTO DE COMPRAS DO IDBrasil Cultura, Educação e Esporte O processo para aquisição de bens, serviços e obras para o IDBrasil Cultura, Educação e Esporte, observará o disposto neste Regulamento de

Leia mais

DECRETO nº. 11.698, de 16 de janeiro de 2009. O PREFEITO MUNICIPAL DE ANANINDEUA, no uso de suas atribuições constitucionais e legais, e ainda:

DECRETO nº. 11.698, de 16 de janeiro de 2009. O PREFEITO MUNICIPAL DE ANANINDEUA, no uso de suas atribuições constitucionais e legais, e ainda: 1 DECRETO nº. 11.698, de 16 de janeiro de 2009 Regulamenta, no âmbito da Administração pública municipal, o Sistema de Registro de Preços previsto no art. 15 da Lei nº. 8.666, de 21 de junho de 1993, e

Leia mais

LEI N 280 DE 18 DE SETEMBRO DE 2007

LEI N 280 DE 18 DE SETEMBRO DE 2007 LEI N 280 DE 18 DE SETEMBRO DE 2007 Súmula: Dispõe sobre o Sistema de Controle Interno Municipal, nos termos do artigo 31 da Constituição Federal e do artigo 59 da Lei Complementar n 101/2000 e cria a

Leia mais

Dispõe sobre o contrato de prestação de serviços e as relações de trabalho dele decorrentes.

Dispõe sobre o contrato de prestação de serviços e as relações de trabalho dele decorrentes. COMISSÃO ESPECIAL DESTINADA A PROMOVER ESTUDOS E PROPOSIÇÕES VOLTADAS À REGULAMENTAÇÃO DO TRABALHO TERCEIRIZADO NO BRASIL SUGESTÃO DE SUBSTITUTIVO AO PROJETO DE LEI Nº 4.330, DE 2004 Dispõe sobre o contrato

Leia mais

SUBVENÇÃO SOCIAL A ENTIDADE PRIVADA

SUBVENÇÃO SOCIAL A ENTIDADE PRIVADA SUBVENÇÃO SOCIAL A ENTIDADE PRIVADA Autoria: Sidnei Di Bacco Advogado Questão interessante diz respeito aos requisitos legais a serem cumpridos pelos municípios para repassar subvenção social a entidades

Leia mais

III - nos casos de guerra ou grave perturbação da ordem;

III - nos casos de guerra ou grave perturbação da ordem; GLOSSÁRIO Classificação Funcional Programática A Classificação Funcional Programática é o agrupamento das ações do governo em grandes áreas de sua atuação, para fins de planejamento, programação e elaboração

Leia mais

ESTADO DO ACRE DECRETO Nº 5.966 DE 30 DE DEZEMBRO DE 2010

ESTADO DO ACRE DECRETO Nº 5.966 DE 30 DE DEZEMBRO DE 2010 Regulamenta o tratamento favorecido, diferenciado e simplificado para as microempresas, empresas de pequeno porte e equiparadas nas contratações de bens, prestação de serviços e execução de obras, no âmbito

Leia mais

À CPRM COMPANHIA DE PESQUISA DE RECURSOS MINERAIS (SERVIÇO GEOLÓGICO DO BRASIL SEDE RJ)

À CPRM COMPANHIA DE PESQUISA DE RECURSOS MINERAIS (SERVIÇO GEOLÓGICO DO BRASIL SEDE RJ) À CPRM COMPANHIA DE PESQUISA DE RECURSOS MINERAIS (SERVIÇO GEOLÓGICO DO BRASIL SEDE RJ) LEVIT COMÉRCIO, IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO DE PRODUTOS TECNOLÓGICOS LTDA, pessoa jurídica de direito privado, devidamente

Leia mais

Fernando do Nascimento Rocha Procurador do Estado do Piauí

Fernando do Nascimento Rocha Procurador do Estado do Piauí Fernando do Nascimento Rocha Procurador do Estado do Piauí Conceito Procedimento prévio às contratações realizadas pelo Poder Público. FINALIDADES 1. Obter a melhor contratação pelo Poder Público (preço

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MORRINHOS Estado de Goiás LEI N. 1.233, DE 28 DE DEZEMBRO DE 1.993. O PREFEITO MUNICIPAL DE MORRINHOS,

PREFEITURA MUNICIPAL DE MORRINHOS Estado de Goiás LEI N. 1.233, DE 28 DE DEZEMBRO DE 1.993. O PREFEITO MUNICIPAL DE MORRINHOS, LEI N. 1.233, DE 28 DE DEZEMBRO DE 1.993. Institui o Fundo Municipal de Saúde e da outras providencias.. O PREFEITO MUNICIPAL DE MORRINHOS, Faço saber que a Câmara Municipal aprovou e eu, Prefeito Municipal,

Leia mais

PROC-IBR-EDIF 046/2015 Análise de Projeto de Estrutura Metálica

PROC-IBR-EDIF 046/2015 Análise de Projeto de Estrutura Metálica INSTITUTO BRASILEIRO DE AUDITORIA DE OBRAS PÚBLICAS IBRAOP INSTITUTO RUI BARBOSA IRB / COMITÊ OBRAS PÚBLICAS PROC-IBR-EDIF 046/2015 Análise de Projeto de Estrutura Metálica Primeira edição válida a partir

Leia mais

O GOVERNADOR DO ESTADO DO AMAZONAS, no exercício da competência que lhe confere o art. 54, inciso IV, da Constituição Estadual, e

O GOVERNADOR DO ESTADO DO AMAZONAS, no exercício da competência que lhe confere o art. 54, inciso IV, da Constituição Estadual, e DECRETO No. 24.818 de 27 JANEIRO DE 2.005 Regulamenta a realização de pregão por meio da utilização de recursos de tecnologia da informação, denominado pregão eletrônico, para a aquisição de bens e serviços

Leia mais

Lei n 8.666/93, de 21 de junho de 1993 e alterações posteriores. (Atualizada até a Lei nº 9.854, de 27.10.99)

Lei n 8.666/93, de 21 de junho de 1993 e alterações posteriores. (Atualizada até a Lei nº 9.854, de 27.10.99) Lei n 8.666/93, de 21 de junho de 1993 e alterações posteriores. (Atualizada até a Lei nº 9.854, de 27.10.99) Regulamenta o art. 37, inciso XXI, da Constituição Federal, institui normas para licitações

Leia mais

Responsáveis pela Licitação

Responsáveis pela Licitação Responsáveis pela Licitação Material didático destinado à sistematização do conteúdo da disciplina Direito Administrativo I Publicação no semestre 2014.2 do curso de Direito. Autor: Albérico Santos Fonseca

Leia mais

Parágrafo Terceiro. O caixa do ICP não poderá conter valores elevados, mas somente o suficiente para realizar pequenas compras ou pagamentos.

Parágrafo Terceiro. O caixa do ICP não poderá conter valores elevados, mas somente o suficiente para realizar pequenas compras ou pagamentos. Regulamento interno para aquisição de bens e contratação de obras e serviços, do ICP, com fundamento na Lei nº 8.666 de 21 de junho de 1993, e na Instrução Normativa nº 01/97 da Secretaria do Tesouro Nacional.

Leia mais

ESTADO DE SERGIPE PREFEITURA MUNICIPAL DE ARACAJU Secretaria Municipal de Governo LEI COMPLEMENTAR Nº. 97 DE 1º DE JULHO DE 2010

ESTADO DE SERGIPE PREFEITURA MUNICIPAL DE ARACAJU Secretaria Municipal de Governo LEI COMPLEMENTAR Nº. 97 DE 1º DE JULHO DE 2010 Regulamenta o tratamento diferenciado e favorecido ao microempreendedor individual de que trata a Lei Complementar Federal nº 128, de 19 de dezembro de 2008, e dá outras providências. O PREFEITO DO MUNICÍPIO

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 20 DAS SOCIEDADES DE CRÉDITO IMOBILIÁRIO CAPÍTULO I CARACTERÍSTICAS, CONSTITUIÇÃO E AUTORIZAÇÃO

RESOLUÇÃO Nº 20 DAS SOCIEDADES DE CRÉDITO IMOBILIÁRIO CAPÍTULO I CARACTERÍSTICAS, CONSTITUIÇÃO E AUTORIZAÇÃO 1 RESOLUÇÃO Nº 20 Documento normativo revogado pela Resolução 2735, de 28/06/2000. O BANCO CENTRAL DA REPÚBLICA DO BRASIL, na forma da deliberação do Conselho Monetário Nacional, em sessão de 28.2.66,

Leia mais

AGÊNCIA DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL

AGÊNCIA DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL REGULAMENTO DE COMPRAS A AGÊNCIA DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL ADES, pessoa jurídica de direito privado, sem fins lucrativos, com sede na Av. Dom Luís, 685, sala 101 Bairro Meireles CEP 60.160-230

Leia mais

LEI Nº 1693, DE 10 DE ABRIL DE 2006.

LEI Nº 1693, DE 10 DE ABRIL DE 2006. LEI Nº 1693, DE 10 DE ABRIL DE 2006. AUTORIZA ASSINATURA DE CONVÊNIO, COM REPASSE DE SUBVENÇÃO E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O Povo do Município de São Gotardo, por seus representantes legais aprovou e eu,

Leia mais

CURSO: Inglês Básico

CURSO: Inglês Básico Av. Piauí, nº 330 Bairro dos Estados - 58.030-330 - João Pessoa PB Curso: Informática Básica Objetivo: Proporcionar conhecimentos básicos para construção de planilhas, fórmulas e gráficos no Excel.. Público-alvo:

Leia mais

LICITAÇÕES NOÇÕES ELEMENTARES

LICITAÇÕES NOÇÕES ELEMENTARES LICITAÇÕES NOÇÕES ELEMENTARES Apresentação Com o objetivo de orientar e esclarecer algumas dúvidas, a Consultoria Jurídica da Universidade Federal do Pampa - UNIPAMPA disponibiliza este manual aos servidores,

Leia mais

MANUAL PARA CONTRATAÇÃO DE OBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA

MANUAL PARA CONTRATAÇÃO DE OBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA MANUAL PARA CONTRATAÇÃO DE OBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA JULHO, 2015 Elaborado e organizado por: Natália Silva Athayde Coordenadora de Planejamento Colaboradores: Anderson de Sousa Verçosa José Cassiano

Leia mais

Lei do ICMS São Paulo Lei 12.268 de 2006

Lei do ICMS São Paulo Lei 12.268 de 2006 Governo do Estado Institui o Programa de Ação Cultural - PAC, e dá providências correlatas. O GOVERNADOR DO ESTADO DE SÃO PAULO: Faço saber que a Assembléia Legislativa decreta e eu promulgo a seguinte

Leia mais

DEPARTAMENTO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL NÚCLEO PAULUS DE FORMAÇÃO, PESQUISA E DISSEMINAÇÃO SOCIAL

DEPARTAMENTO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL NÚCLEO PAULUS DE FORMAÇÃO, PESQUISA E DISSEMINAÇÃO SOCIAL DEPARTAMENTO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL NÚCLEO PAULUS DE FORMAÇÃO, PESQUISA E DISSEMINAÇÃO SOCIAL Projeto Gestão do Cotidiano 2015 LEI 13.019/14 Transferências voluntárias de Recursos dos entes federados às

Leia mais

Decreto nº 8.538, de 6 de outubro de 2015 Decreto nº 6.204, de 5 de setembro de 2007

Decreto nº 8.538, de 6 de outubro de 2015 Decreto nº 6.204, de 5 de setembro de 2007 DECRETO 8.538/2015 COMPARATIVO COM DECRETO 6.204/2007 Outubro/2015 Importante: Pontos acrescidos estão destacados em verde. Pontos suprimidos estão destacados em vermelho. Decreto nº 8.538, de 6 de outubro

Leia mais

LEI MUNICIPAL Nº 1191/2015, de 28-04-2015.

LEI MUNICIPAL Nº 1191/2015, de 28-04-2015. LEI MUNICIPAL Nº 1191/2015, de 28-04-2015. DISPÕE SOBRE O SISTEMA DE CONTROLE INTERNO DO MUNICÍPIO DE MORMAÇO E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. LUÍS CARLOS MACHADO PREFEITO MUNICIPAL DE MORMAÇO, Estado do Rio

Leia mais

COMPARAÇÃO ENTRE O RDC E A LEI 8666/93. Viviane Moura Bezerra

COMPARAÇÃO ENTRE O RDC E A LEI 8666/93. Viviane Moura Bezerra COMPARAÇÃO ENTRE O RDC E A LEI 8666/93 Viviane Moura Bezerra Índice de Apresentação 1.Considerações iniciais 2.Surgimento do RDC 3.Principais Inovações 4.Pontos Comuns 5.Contratação Integrada 6.Remuneração

Leia mais

IMPUGNAÇÃO AO EDITAL. Ilmº Senhor HENRIQUE MARTINS FARIAS Gerente de Administração Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil CAU/BR

IMPUGNAÇÃO AO EDITAL. Ilmº Senhor HENRIQUE MARTINS FARIAS Gerente de Administração Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil CAU/BR Ilmº Senhor HENRIQUE MARTINS FARIAS Gerente de Administração Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil CAU/BR REF.: Pregão Eletrônico nº 019/2015 A empresa Cabral Consultoria em Recursos Humanos Ltda,

Leia mais

MANUAL DE NORMAS COTAS DE FUNDO DE INVESTIMENTO

MANUAL DE NORMAS COTAS DE FUNDO DE INVESTIMENTO MANUAL DE NORMAS COTAS DE FUNDO DE INVESTIMENTO VERSÃO: 31/3/2011 2/12 MANUAL DE NORMAS COTAS DE FUNDO DE INVESTIMENTO ÍNDICE CAPÍTULO PRIMEIRO DO OBJETIVO 3 CAPÍTULO SEGUNDO DAS DEFINIÇÕES 3 CAPÍTULO

Leia mais

LEI Nº 14.868, de 16 de dezembro de 2003 Dispõe sobre o Programa Estadual de Parcerias Público-Privadas.

LEI Nº 14.868, de 16 de dezembro de 2003 Dispõe sobre o Programa Estadual de Parcerias Público-Privadas. LEI Nº 14.868, de 16 de dezembro de 2003 Dispõe sobre o Programa Estadual de Parcerias Público-Privadas. O Povo de Minas Gerais, por seus representantes, decretou e eu, em seu nome, sanciono a seguinte

Leia mais

Regulamenta o Fundo Estadual de Desenvolvimento de Transportes - FUNTRANS.

Regulamenta o Fundo Estadual de Desenvolvimento de Transportes - FUNTRANS. Regulamenta o Fundo Estadual de Desenvolvimento de Transportes - FUNTRANS. O Governador do Estado de Minas Gerais, no uso de atribuição que lhe confere o artigo 90, inciso VII, da Constituição do Estado,

Leia mais

DECRETO Nº 11.319, DE 13 DE FEVEREIRO DE 2004

DECRETO Nº 11.319, DE 13 DE FEVEREIRO DE 2004 DECRETO Nº 11.319, DE 13 DE FEVEREIRO DE 2004 PUBLICADO NO DIÁRIO OFICIAL Nº 032, DE 17-02-2004 Regulamenta o Sistema de Registro de Preços SRP, previsto no art. 15, da Lei nº 8.666, de 21 de junho de

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Compras e Licitações Contrato nº /08

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Compras e Licitações Contrato nº /08 MINUTA 1 1 TERMO DE CONTRATO Tomada de Preços nº 015/08 Processo nº 41.128/07 Contratante: Prefeitura Municipal de Franca Contratada: Valor: R$ ( ) OBJETO: AQUISIÇÃO DE VEÍCULOS TIPO VIATURA (VW GOL 1.6,

Leia mais

Rua Ulisses Caldas, 81 - Centro - Natal/RN 59025-090 (55)xx84-3232-8863 www.natal.rn.gov.br

Rua Ulisses Caldas, 81 - Centro - Natal/RN 59025-090 (55)xx84-3232-8863 www.natal.rn.gov.br LEI Nº. 6.067, DE 11 DE MARÇO DE 2010. Altera a Lei Ordinária 5.711/06, que dispõe sobre a Organização Administrativa da Câmara Municipal do Natal, e dá outras providências. A PREFEITA DO MUNICÍPIO DE

Leia mais

PORTARIA Nº 572, DE 22 DE MARÇO DE 2010

PORTARIA Nº 572, DE 22 DE MARÇO DE 2010 PORTARIA Nº 572, DE 22 DE MARÇO DE 2010 O MINISTRO DE ESTADO DO CONTROLE E DA TRANSPARÊNCIA, no uso das atribuições que lhe confere o inciso II do parágrafo único do art. 87 da Constituição, nos termos

Leia mais

SUPERINTENDÊNCIA REGIONAL NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - DNIT JULGAMENTO DE IMPUGNAÇÃO RAZÕES: JULGAMENTO DE IMPUGNAÇÃO AO EDITAL Nº.

SUPERINTENDÊNCIA REGIONAL NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - DNIT JULGAMENTO DE IMPUGNAÇÃO RAZÕES: JULGAMENTO DE IMPUGNAÇÃO AO EDITAL Nº. SUPERINTENDÊNCIA REGIONAL NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - DNIT JULGAMENTO DE IMPUGNAÇÃO FEITO: IMPUGNAÇÃO ADMINISTRATIVA REFERÊNCIA: EDITAL Nº. 0026/2014 RAZÕES: JULGAMENTO DE IMPUGNAÇÃO AO EDITAL Nº. 0026/2014

Leia mais

Concurso - EPPGG 2013. Prof. Leonardo Ferreira Turma EPPGG-2013 Aula 06,07,08,09

Concurso - EPPGG 2013. Prof. Leonardo Ferreira Turma EPPGG-2013 Aula 06,07,08,09 Concurso - EPPGG 2013 Prof. Leonardo Ferreira Turma EPPGG-2013 Aula 06,07,08,09 Ordem ao caos...(p4) Tema 4: 1. Práticas de gestão governamental no Brasil e seus resultados: Gestão de suprimentos e logística

Leia mais

PORTARIA Nº PGE - 089/2012

PORTARIA Nº PGE - 089/2012 PORTARIA Nº PGE - 089/2012 O PROCURADOR GERAL DO ESTADO, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo art. 32 da Lei Complementar nº 34, de 06 de fevereiro de 2009, considerando a necessidade de

Leia mais

Serviço Público Municipal Prefeitura Municipal de Ubatã Estado da Bahia CNPJ: 14.235.253/0001-59 PORTARIA Nº 301 DE 09 DE DEZEMBRO DE 2015.

Serviço Público Municipal Prefeitura Municipal de Ubatã Estado da Bahia CNPJ: 14.235.253/0001-59 PORTARIA Nº 301 DE 09 DE DEZEMBRO DE 2015. PORTARIA Nº 301 DE 09 DE DEZEMBRO DE 2015. Estabelece os procedimentos e as normas a serem adotados pelos órgãos e entidades da administração pública estadual direta e indireta, para o encerramento anual

Leia mais