Poderão se inscrever, ainda, alunos formados em edições anteriores deste curso e que pretendam atualizar seus conhecimentos.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "2.1.2. Poderão se inscrever, ainda, alunos formados em edições anteriores deste curso e que pretendam atualizar seus conhecimentos."

Transcrição

1 REGULAMENTO DO VIII CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO PENAL ECONÔMICO, REALIZADO PELO INSTITUTO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS CRIMINAIS (IBCCRIM) E INSTITUTO DE DIREITO PENAL ECONÓMICO E EUROPEU (IDPEE), DA FACULDADE DE DIREITO DA UNIVERSIDADE DE COIMBRA 1. DA REALIZAÇÃO E DO APOIO DO CURSO 1.1. O INSTITUTO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS CRIMINAIS IBCCRIM e o INSTITUTO DE DIREITO PENAL ECONÓMICO E EUROPEU IDPEE, da FACULDADE DE DIREITO DA UNIVERSIDADE DE COIMBRA, realizarão o CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO PENAL ECONÔMICO, no Brasil O curso tem o apoio da ASSOCIAÇÃO DOS ADVOGADOS DE SÃO PAULO AASP. 2. DO PÚBLICO DESTINATÁRIO 2.1. O curso, que é de Pós-graduação em Direito Penal Econômico, destinase a Advogados, Bachareis em Direito, Defensores Públicos (dos Estados/DF e da União), Delegados de Polícia (dos Estados/DF e Federal), Magistrados (dos Estados/DF e Federal) e Membros do Ministério Público (dos Estados/DF e Federal) Também poderão se inscrever os alunos de graduação em Direito que tenham previsão de conclusão do curso para dezembro de Poderão se inscrever, ainda, alunos formados em edições anteriores deste curso e que pretendam atualizar seus conhecimentos Os interessados compreendidos no item 2.1, e deverão atender às exigências do item 4 deste Regulamento. 1

2 3. DO INÍCIO E DO TÉRMINO DO CURSO O curso terá início em 31 de julho e término em 17 de outubro de 2014, conforme cronograma disponibilizado no hotsite do curso. 4. DAS INSCRIÇÕES 4.1. As inscrições terão início a partir do dia 2 de abril de Sem prejuízo do disposto no item 4.8, as inscrições serão encerradas no dia 14 de agosto de 2014, ou antes, no caso de ser preenchido o limite máximo de vagas disponibilizadas (Ver item 7 deste Regulamento) As inscrições deverão ser feitas unicamente pelo hotsite do curso A depender do período da feitura da inscrição, o valor da inscrição poderá ser parcelado em até 6 (seis) vezes, no cartão de crédito (American Express, Diners, Mastercard ou Visa), ou pago à vista com desconto, em dinheiro, boleto bancário ou cartão de crédito (consultar tabela de valores disponível no hotsite) Não é permitida a reserva de vagas O mero preenchimento do formulário de inscrição não garante vaga ao interessado. Desse modo, considerar-se-á efetivada a inscrição, cumulativamente: a) após a identificação, pelo IBCCRIM, de seu pagamento; b) após o recebimento, pelo IBCCRIM, de cópia do comprovante de conclusão do curso de Direito. Referida entrega deverá ser feita até o dia 14 de agosto de 2014, pessoalmente na sede do IBCCRIM ou via I Para efeito de comprovação da exigência do item 4.6, b deste Regulamento, aceitar-se-á cópia: I.a do Diploma ou da Declaração de conclusão do curso de Direito; I.b da Carteira Profissional de Advogado; I.c da Carteira Funcional dos Servidores Públicos descritos no item 2 deste Regulamento. 2

3 II O aluno de Direito com conclusão do curso prevista para o mês de dezembro de 2014 só poderá se inscrever após declarar, por escrito, estar ciente da necessidade de apresentar o comprovante de conclusão do referido curso de graduação (nos termos do item 4.6, b, I) até o dia 02 de fevereiro de 2015, sob pena de não ter o trabalho de conclusão corrigido e, consequentemente, ser considerado reprovado, sem qualquer devolução do valor pago a título de inscrição Sem prejuízo do disposto no item 4.6, a, deste Regulamento, a inscrição do aluno já formado em edição anterior será considerada efetivada após o recebimento, pelo IBCCRIM, de cópia de seu diploma. Referida entrega deverá ser feita até o dia 14 de agosto de 2014, pessoalmente na sede do IBCCRIM ou via A não observação do item 4.6 ou qualquer de seus subitens implicará na impossibilidade de acesso às aulas É permitida a inscrição em data posterior ao início do curso. No entanto, não haverá abono de falta das aulas anteriores à inscrição, de modo que o aluno deverá administrar o tempo decorrido desde o início do curso até o momento da inscrição retardatária, a fim de cumprir a frequência mínima de 75% (setenta e cinco por cento) A inscrição retardatária importará no pagamento integral do valor da matrícula, independentemente da data da inscrição; Na hipótese do item 4.8, o aluno deverá apresentar o comprovante de conclusão do curso de Direito (nos termos do item 4.6, b, I deste Regulamento), no ato da inscrição, sob pena da não efetivação desta, sem prejuízo do disposto no item 4.6, b, II Haverá duas modalidades de curso, a saber, presencial e a distância Não haverá diferença de qualquer ordem entre as referidas modalidades Em hipótese alguma o aluno que se inscrever na modalidade presencial poderá assistir aula pela internet. A referida proibição também se aplica à hipótese contrária O aluno que optar pela inscrição na modalidade a distância, automaticamente autoriza que o IBCCRIM ceda seu nome, nº de CPF e 3

4 endereço eletrônico à AASP, entidade responsável pela operacionalização da transmissão do curso pela internet. 5. DO CANCELAMENTO DA INSCRIÇÃO 5.1. Em caso de desistência, por qualquer motivo, ao aluno é garantido o direito à devolução dos valores pagos, devendo a solicitação ser feita por escrito e obedecidos os seguintes critérios: a) Devolução de 90% (noventa por cento) sobre o valor pago, caso a desistência seja comunicada com 20 (vinte) ou mais dias de antecedência ao evento; b) Devolução de 75% (setenta e cinco por cento) sobre o valor pago, caso a desistência seja comunicada entre 19 (dezenove) e 15 (quinze) dias de antecedência ao início do curso; c) Devolução de 50% (cinquenta por cento) sobre o valor pago, caso a desistência seja comunicada entre 14 (catorze) e 10 (dez) dias de antecedência ao início do curso; d) Devolução de 25% (vinte e cinco por cento) sobre o valor pago, caso a desistência seja comunicada entre 9 (nove) e 5 (cinco) dias de antecedência ao início do curso; e) Devolução de 20% (vinte por cento) sobre o valor pago, caso a desistência seja comunicada em até 4 (quatro) dias de antecedência ao início do curso; f) Não haverá devolução do valor pago, caso a desistência seja comunicada após o início do curso A petição de cancelamento deverá ser dirigida ao Secretário-Geral da COMISSÃO ESPECIAL IBCCRIM-COIMBRA. 6. DO CORPO DOCENTE O corpo docente é composto por professores brasileiros e portugueses, conforme programação publicada no hotsite do curso, sem prejuízo do que dispõe o item 16.2, b, deste Regulamento. 4

5 7. DO NÚMERO DE VAGAS Fica determinado o limite máximo de 150 (cento e cinquenta) vagas presenciais, em conformidade com a capacidade do auditório. O limite de vagas a distância será definido posteriormente, a critério e conveniência da COMISSÃO ESPECIAL IBCCRIM-COIMBRA. 8. DOS DIAS E HORÁRIOS DAS AULAS 8.1. As aulas serão ministradas às quintas e sextas-feiras, das 19h às 22h, e aos sábados, das 9h às 12h Haverá intervalo de 15 (quinze) minutos, em momento a ser determinado pelo professor. 9. DA ASSIDUIDADE 9.1. Os alunos presenciais deverão assinar a lista de presença em dois períodos. Referida lista ficará disponível na secretaria do curso até 30 (trinta) minutos após o início das aulas, para o cumprimento do primeiro período, bem como desde 30 (trinta) minutos antes de término das aulas até a saída do último aluno, para o cumprimento do segundo período Cada assinatura tem valor igual a ½ (meia) presença, de modo que para o aluno reunir presença inteira, precisa assinar a lista nos dois períodos; O aluno presencial deverá apresentar documento oficial e original com foto no momento das assinaturas, sem o qual o funcionário responsável não terá autorização para disponibilizar a lista de presença Para efeito de contagem de frequência, os alunos a distância deverão acessar o link das aulas até 30 (trinta) minutos após o início das aulas, para o cumprimento do primeiro período, bem como poderão desconectar do referido link a partir dos 30 (trinta) minutos finais de cada aula, a fim de cumprir o segundo período. Fora desses períodos será possível acessar o link, no entanto, sem o cômputo do respectivo período. 5

6 Cada acesso tem valor igual a ½ (meia) presença, de modo que para o aluno reunir presença inteira, precisa acessar o link no primeiro período e permanecer conectado até, pelo menos, os 30 (trinta) minutos finais e, portanto, o último período; 9.3. Independentemente da modalidade de inscrição, como um dos requisitos para obtenção do título de Pós-graduação, o aluno deverá reunir frequência mínima de 75% (setenta e cinco por cento), o que significa o limite de até 9 (nove) faltas inteiras. 10. DO TRABALHO CIENTÍFICO Sem prejuízo do cumprimento da frequência mínima, para obtenção do título de Pós-graduação, é exigida a apresentação de um trabalho científico O trabalho científico deverá versar sobre um dos assuntos tratados pelo corpo docente, o que não significa abordar todo o título da aula A pertinência do tema escolhido pelo aluno ficará sujeita ao julgamento feito pela COMISSÃO ESPECIAL IBCCRIM-COIMBRA, que, para tanto, receberá consultas durante todo o curso e até a data de depósito do trabalho A referida consulta deverá ser endereçada ao Secretário-Geral da COMISSÃO ESPECIAL IBCCRIM- COIMBRA, contendo, em até 3 (três) páginas digitadas, breve justificativa da escolha do tema bem como a indicação do título da aula e/ou o nome do respectivo professor, a partir dos quais a escolha do tema foi baseada A consulta tem caráter obrigatório, sob pena do trabalho científico não ser corrigido e, consequentemente, o aluno ser reprovado, sem prejuízo do item 14.1, a, deste Regulamento O trabalho científico deverá estar de acordo com o Manual de Normas Técnicas do IBCCRIM para Pós-graduações, disponível no hotsite deste curso. 6

7 10.4. O depósito do referido trabalho deverá ser feito em uma via impressa e duas eletrônicas, em formato.pdf pesquisável, via Sedex ou, pessoalmente, na secretaria de pós-graduação do IBCCRIM, impreterivelmente, até o dia 02 de fevereiro de 2015, salvo motivo de força maior A fim de dar efetividade ao sistema cego de correção, uma das vias eletrônicas deverá conter os elementos pré-textuais que identificam o aluno e a outra via eletrônica deverá conter os elementos textuais e pós-textuais, sem qualquer identificação do aluno De acordo com o sistema cego, recebido o trabalho, o funcionário responsável pela assessoria da Pósgraduação atribuirá um número ao trabalho, em substituição à identidade do aluno e, em seguida, cuidará para que a correspondência entre esta e aquele seja cadastrada em arquivo próprio que será conhecido apenas pelo referido funcionário e pelo Secretário- Geral da COMISSÃO ESPECIAL IBCCRIM-COIMBRA Como critério de contagem de prazo para a opção de depósito via Sedex, considerar-se-á a data da postagem do trabalho na agência dos Correios, independentemente da data de efetivo recebimento pelo IBCCRIM O comprovante do envio via Sedex é a única prova aceita para fins de comprovação do cumprimento do prazo, em caso de extravio. Para tanto, o aluno deverá enviar cópia digitalizada do referido comprovante ao em até 5 (cinco) dias úteis após a postagem, inclusive. Recebido o comprovante, em igual prazo o funcionário do IBCCRIM enviará de confirmação do recebimento ao aluno. Caso este não receba de confirmação do recebimento do comprovante de postagem emitido pelos Correios, deverá entrar em contato com o IBCCRIM pelo telefone (11) No sentido jurídico que o termo detém. 7

8 10.5. O aluno já formado em edição anterior deste curso, por já ter o título de Pós-graduação, fica dispensado da apresentação do trabalho científico. 11. DA AVALIAÇÃO PRELIMINAR DO TRABALHO CIENTÍFICO E DA VISTA DESTA AVALIAÇÃO Findo o prazo de depósito e recebidos os trabalhos, estes serão submetidos a uma avaliação preliminar que consistirá em minuciosa análise textual, a fim de verificar se há trechos literais sem a devida indicação da fonte, de modo que comprometa seu caráter científico A identificação de pelo menos um trecho na condição do item 11.1, independentemente de seu tamanho, acarretará a reprovação do aluno, sem prejuízo da interposição de recurso, conforme item 13 deste Regulamento O prazo máximo de divulgação do resultado da avaliação preliminar é de 6 (seis) meses corridos, contado a partir da data final do depósito (item 10.4 deste Regulamento) A COMISSÃO ESPECIAL IBCCRIM-COIMBRA concederá vista da avaliação preliminar A vista da avaliação preliminar realizar-se-á no mês imediatamente após à divulgação do respectivo resultado, conforme condições estabelecidas pela COMISSÃO ESPECIAL IBCCRIM-COIMBRA as quais serão divulgadas oportunamente e por meio de comunicação oficial A interporsição do recurso deverá ser feita no prazo peremptório de 10 (dez) dias corridos, a contar do primeiro dia útil subsequente da realização da vista. 12. DA AVALIAÇÃO DE MÉRITO DO TRABALHO CIENTÍFICO E DA VISTA DESTA AVALIAÇÃO Somente se ultrapassada a avaliação preliminar o trabalho científico terá seu mérito analisado: 8

9 a) Pelo Núcleo de Correção da COMISSÃO ESPECIAL IBCCRIM- COIMBRA, se o tema escolhido tiver relação com a realidade brasileira. b) Pelo INSTITUTO DE DIREITO PENAL ECONÓMICO E EUROPEU IDPEE, da FACULDADE DE DIREITO DA UNIVERSIDADE DE COIMBRA, se o tema escolhido tiver relação com a realidade portuguesa A avaliação de mérito obedecerá a escala de 0 (zero) a 20 (vinte) valores, sendo considerado aprovado o trabalho avaliado, no mínimo, com 14 (catorze) valores A composição da nota atenderá aos seguintes critérios: Critérios Sim Em parte Não 1.O título informa claramente seu conteúdo? 2,5 1, Introduz o problema ou objeto de estudo e formula conclusões claras sobre o problema estudado? 3. Usa uma redação clara e objetiva, com bom desenvolvimento argumentativo e encadeamento lógicosequencial das ideias? 4. Esclarece suficientemente as suas opções metodológicas? Essas opções são adequadas? 5. As fontes bibliográficas são adequadas e suficientes para o estudo do tema? 6. O trabalho obedece a regras de formatação de monografias científicas, especialmente no tocante a citações e referências bibliográficas? 7. Avaliação qualitativa do Professorcorretor (máximo de 5,0) Nota provisória (soma simples) NOTA FINAL (já arredondada) 2,5 1,25 0 2,5 1,25 0 2,5 1,25 0 2,5 1,25 0 2,5 1,25 0 W YY,YY Z A nota final numérica corresponde a uma classificação qualitativa, conforme artigo 17, do Decreto-Lei 42, de 22 de fevereiro de 2005, editado pelo Ministério da Ciência, Inovação e Ensino Superior, da República Portuguesa, legislação que, 9

10 dentre outras, rege a FACULDADE DE DIREITO DA UNIVERSIDADE DE COIMBRA, entidade que, juntamente com o INSTITUTO DE DIREITO PENAL ECONÓMICO E EUROPEU IDPEE, emite o diploma da Pós-gradução em Direito Penal Econômico IBCCRIM-Coimbra Nos termos do artigo 17 referido no item deste Regulamento, e por decisão da COMISSÃO ESPECIAL IBCCRIM-COIMBRA, as notas numéricas corresponderão às seguintes classificações: a) 14 e 15 Bom; b) 16 e 17 Bom com distinção; c) 18 a 20 Excelente Os trabalhos científicos que obtiverem nota igual ou superior a 18 (dezoito) serão indicados pela COMISSÃO ESPECIAL IBCCRIM-COIMBRA ao Conselho Editorial da Revista Brasileira de Ciências Criminais - RBCCRIM A indicação referida no item não importa em publicação, uma vez que o Conselho Editorial da Revista Brasileira de Ciências Criminais RBCCRIM é soberano O aluno que tiver seu trabalho indicado, caso queira ter seu trabalho avaliado pelo Conselho Editorial da Revista Brasileira de Ciências Criminais RBCCRIM, deverá adequá-lo aos padrões de publicação disponíveis em ao e, em seguida, enviá-lo ao para que o funcionário da Seção de Publicações possa, de fato, submetê-lo à apreciação do Conselho Editorial A divulgação do resultado da avaliação de mérito será feita pelo Secretário-Geral da COMISSÃO ESPECIAL IBCCRIM-COIMBRA, individualmente e por O prazo máximo de divulgação do resultado da avaliação de mérito é de 12 (doze) meses corridos, contado a partir da data final do depósito (item 10.4 deste Regulamento). 10

11 A entrega dos diplomas não está vinculada ao referido prazo, visto que são emitidos pelo INSTITUTO DE DIREITO PENAL ECONÓMICO E EUROPEU IDPEE, da FACULDADE DE DIREITO DA UNIVERSIDADE DE COIMBRA, somente após os julgamentos dos eventuais recursos A COMISSÃO ESPECIAL IBCCRIM-COIMBRA concederá vista da avaliação de mérito somente aos alunos reprovados A vista da avaliação de mérito realizar-se-á no mês imediatamente após à divulgação dos respectivos resultados, conforme condições estabelecidas pela COMISSÃO ESPECIAL IBCCRIM-COIMBRA que serão divulgadas à época por meio de comunicação oficial A interposição do recurso deverá ser feita no prazo peremptório de 10 (dez) dias corridos, a contar do primeiro dia útil subsequente da realização da vista. 13. DOS RECURSOS Da avaliação preliminar e da avaliação de mérito caberá recurso a ser decidido, em última instância e por votação colegiada, pelo Núcleo Recursal da COMISSÃO ESPECIAL IBCCRIM-COIMBRA, organismo composto por membros da referida Comissão que detenham, no mínimo, o grau acadêmico de Mestre em Direito e tenham sido indicados por seu presidente A interposição do recurso será endereçada ao Secretário-Geral da COMISSÃO ESPECIAL IBCCRIM-COIMBRA, a quem competirá o juízo de admissibilidade, e suas razões dirigidas ao Núcleo Recursal Constituem condições de admissibilidade recursal: a) a realização da vista da avaliação; b) a tempestividade A interposição poderá ser feita pessoalmente na Sede do IBCCRIM, por Sedex (Rua XI de Agosto, 52, 2º andar Centro CEP São Paulo - SP) ou pelo 11

12 Como critério de contagem de prazo para a opção de protocolo via Sedex, considerar-se-á a data da postagem, independentemente da data do efetivo recebimento pelo IBCCRIM. Da mesma forma, para a opção de protocolo por , considerar-se-á a data do respectivo envio válido O comprovante da postagem via Sedex é a única prova aceita para fins de comprovação do cumprimento do prazo desta modalidade de protocolo, em caso de extravio. Para tanto, o aluno deverá enviar cópia digitalizada do referido comprovante ao em até 5 (cinco) dias úteis após a postagem, inclusive. Recebido o comprovante, em igual prazo o funcionário do IBCCRIM enviará de confirmação do recebimento ao aluno. Caso este não receba de confirmação do recebimento do comprovante de postagem emitido pelos Correios, deverá entrar em contato com o IBCCRIM pelo telefone (11) Para que o protocolo por seja considerado válido, fica ele condicionado à resposta expressa, também via , do funcionário do IBCCRIM no sentido de que o arquivo foi aberto com sucesso A petição será distribuída, pelo Secretário-Geral da COMISSÃO ESPECIAL IBCCRIM-COIMBRA, a um membro do Núcleo Recursal que ficará encarregado pela relatoria Além do Relator, caberá ao Secretário-Geral da COMISSÃO ESPECIAL IBCCRIM-COIMBRA indicar o restante da formação do colegiado que julgará cada recurso A composição dos colegiados de julgamentos observará as regras de impedimento e suspeição. 12

13 13.3. Os recursos interpostos a partir da avaliação preliminar deverão ser decididos, de forma fundamentada, oral ou expressamente, a critério dos julgadores, dentro de 15 (quinze) dias corridos, a contar da data de sua distribuição ao respectivo relator Compete ao Secretário-Geral da COMISSÃO ESPECIAL IBCCRIM-COIMBRA dar conhecimento do teor da decisão e as suas respectivas razões ao aluno, de forma expressa e por via eletrônica, no prazo de 7 (sete) dias corridos, a partir da data em que a decisão for proferida A decisão proferida pelo Núcleo Recursal da COMISSÃO ESPECIAL IBCCRIM-COIMBRA é irrecorrível e poderá ser: a) pelo provimento, hipótese em que o trabalho será submetido à avaliação de mérito, nos termos do item 12 e seguintes deste Regulamento; b) pelo improvimento, hipótese em que o aluno será reprovado e ficará impossibilitado de reapresentar seu trabalho em edição subsequente do curso, nos termos do item 14.1, b, I, deste Regulamento Os recursos interpostos a partir da avaliação de mérito deverão ser decididos, de forma fundamentada e expressa, dentro de 15 (quinze) dias corridos, a contar da data de sua distribuição ao respectivo relator Diferentemente do Relator, os demais componentes do colegiado poderão emitir seus votos oralmente, caso assim o queiram Compete ao Secretário-Geral da COMISSÃO ESPECIAL IBCCRIM-COIMBRA dar conhecimento do teor da decisão e as suas respectivas razões ao aluno, por via eletrônica, no prazo de 7 (sete) dias corridos, a partir da data em que a decisão for proferida A decisão proferida pelo Núcleo Recursal da COMISSÃO ESPECIAL IBCCRIM- COIMBRA é irrecorrível e poderá ser: a) pelo provimento, hipótese em que o aluno será considerado aprovado e 13

14 terá seu diploma expedido, nos termos do item deste Regulamento; b) pelo improvimento, hipótese em que será mantida a reprovação, sem prejuízo da faculdade do item 14.1, b, deste Regulamento. 14. DA REAPRESENTAÇÃO DO TRABALHO CIENTÍFICO Ao aluno que eventualmente tenha interesse, e se enquadre nas situações seguintes, será permitida a reapresentação do trabalho científico na edição brasileira subsequente do curso, a realizar-se em 2016: a) O aluno que não apresentar o trabalho científico no prazo regulamentar da presente edição do curso, poderá fazê-lo mediante o pagamento de 1/3 (um terço) do valor da inscrição da edição subsequente do curso; b) O aluno que tiver sido reprovado na avaliação de mérito desta edição do curso, poderá apresentar outro trabalho, mediante o pagamento de 1/5 (um quinto) do valor da inscrição da edição subsequente do curso. I Fica excluído desta hipótese o aluno que tiver o trabalho reprovado em sede da avaliação preliminar (item , b, deste Regulamento) e/ou referida reprovação tenha sido mantida pelo Núcleo Recursal Em qualquer das situações de reapresentação acima descritas, o aluno fica dispensado da obrigatoriedade de frequentar as aulas do curso subsequente Sem prejuízo do disposto no item 14.2, o aluno que fizer uso dessa reapresentação fica sujeito às disposições regulamentares do curso subsequente A faculdade de reapresentação deste item fica condicionada à efetiva realização de edição subsequente. Na eventualidade desta não acontecer por qualquer motivo, o IBCCRIM e o IDPEE não têm qualquer responsabilidade. 14

15 15. DO CERTIFICADO DE FREQUÊNCIA, DO DIPLOMA DE PÓS- GRADUAÇÃO E DO CERTIFICADO DE ATUALIZAÇÃO O aluno que reunir frequência mínima de 75% (setenta e cinco por cento), caso o solicite, poderá obter um Certificado de Frequência, emitido pelo IBCCRIM, tão logo após o término das aulas Em referido documento constará informação acerca da atual situação do aluno, bem como menção ao fato de estar pendente a correção do trabalho científico, de modo a diferenciar o Certificado de Frequência do Diploma A aprovação do trabalho científico, somada ao preenchimento do índice de frequência mínima descrito no item 15.1 deste Regulamento, conferirá ao aluno o Diploma do CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO PENAL ECONÔMICO, o qual mencionará a nota final obtida e a respectiva classificação quantitativa, a carga horária do curso, bem como será assinado pelo Diretor da FACULDADE DE DIREITO DA UNIVERSIDADE DE COIMBRA e pelo Presidente da Direção do INSTITUTO DE DIREITO PENAL ECONÓMICO E EUROPEU IDPEE da FACULDADE DE DIREITO DA UNIVERSIDADE DE COIMBRA A carga total do curso é de 192 (cento e noventa e duas) horas, incluindo o tempo da feitura do trabalho científico O título de Pós-graduação oferecido é reconhecido internacionalmente, não o sendo, porém, pelo Ministério da Educação MEC (Brasil), em razão da carga horária O aluno já formado em edição anterior deste curso que reunir frequência mínima de 75% (setenta e cinco por cento), por já ter o título de Pós-graduação e, portanto, estar isento da obrigação de apresentar trabalho científico, receberá um Certificado de Atualização em Direito Penal Econômico, emitido pelo IBCCRIM, tão logo após o término das aulas. 16. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Os casos omissos neste Regulamento serão submetidos à COMISSÃO ESPECIAL IBCCRIM-COIMBRA. 15

16 16.2. A COMISSÃO ESPECIAL IBCCRIM-COIMBRA se reserva ao direito de: a) cancelar o evento, mediante prévio aviso de, no mínimo, 48 (quarenta e oito) horas, com devolução integral do valor já pago pelo aluno; b) remanejar e/ou cancelar aula(s): I mediante aviso de, no mínimo, 24 (vinte e quatro) horas de antecedência, se por iniciativa própria; II a qualquer momento, se por caso fortuito ou força maior. c) alterar os termos deste Regulamento, mediante prévia notificação de, no mínimo, 7 (sete) dias corridos, por via eletrônica Para o melhor funcionamento da transmissão do curso a distância, o computador utilizado pelo aluno precisará ter a seguinte configuração: a) Sistema operacional Windows XP ou superior. b) Windows Media Player versão 9 ou superior. c) Browser Internet Explorer versão 7 (ou superior). d) Resolução mínima do monitor 800x600. e) Kit multimídia (placa de som e caixas acústicas). f) Antipop-up desabilitado. g) Conexão de banda larga. I Não recomendamos o uso de conexões com tecnologia 3G, Wi- Fi, via rádio ou discada. São Paulo, 20 de março de COMISSÃO ESPECIAL IBCCRIM-COIMBRA 16

REGULAMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO

REGULAMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO 1 REGULAMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM TEORIA GERAL DO CRIME INSTITUTO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS CRIMINAIS IBCCRIM E INSTITUTO DE DIREITO PENAL ECONÓMICO E EUROPEU - IDPEE DA FACULDADE DE DIREITO DA UNIVERSIDADE

Leia mais

2.2. Os(As) interessados(as) compreendidos(as) nos itens 2.1 e 2.1.1. deverão atender às exigências do item 4 deste Regulamento.

2.2. Os(As) interessados(as) compreendidos(as) nos itens 2.1 e 2.1.1. deverão atender às exigências do item 4 deste Regulamento. REGULAMENTO DO CURSO FUTEBOL: QUESTÕES ADMINISTRATIVAS E PENAIS, REALIZADO PELO INSTITUTO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS CRIMINAIS (IBCCRIM), EM PARCERIA COM O INSTITUTO DE DIREITO PENAL ECONÓMICO E EUROPEU (IDPEE),

Leia mais

Reforma do Código Penal (PLS 236/12) Realização: Instituto Brasileiro de Ciências Criminais IBCCRIM e Associação dos Advogados de São Paulo - AASP

Reforma do Código Penal (PLS 236/12) Realização: Instituto Brasileiro de Ciências Criminais IBCCRIM e Associação dos Advogados de São Paulo - AASP Reforma do Código Penal (PLS 236/12) Realização: Instituto Brasileiro de Ciências Criminais IBCCRIM e Associação dos Advogados de São Paulo - AASP 1. MODALIDADES a. O curso será apresentado nas modalidades

Leia mais

ALGUMAS REFLEXÕES SOBRE DIREITO PENAL ECONÔMICO

ALGUMAS REFLEXÕES SOBRE DIREITO PENAL ECONÔMICO ALGUMAS REFLEXÕES SOBRE DIREITO PENAL ECONÔMICO Realização: Instituto Brasileiro de Ciências Criminais IBCCRIM e AASP Associação dos Advogados de São Paulo 1. Modalidades 1.1. O curso será apresentado

Leia mais

TEORIA E PRÁTICA DO TRIBUNAL DO JÚRI. Realização: Instituto Brasileiro de Ciências Criminais IBCCRIM e Associação dos Advogados de São Paulo - AASP

TEORIA E PRÁTICA DO TRIBUNAL DO JÚRI. Realização: Instituto Brasileiro de Ciências Criminais IBCCRIM e Associação dos Advogados de São Paulo - AASP TEORIA E PRÁTICA DO TRIBUNAL DO JÚRI Realização: Instituto Brasileiro de Ciências Criminais IBCCRIM e Associação dos Advogados de São Paulo - AASP 1. MODALIDADES a. O curso será apresentado nas modalidades

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

REGULAMENTO GERAL DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU REGULAMENTO GERAL DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU TÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º - O Programa de Pós-graduação lato sensu da FAZU - Faculdades Associadas de Uberaba, tem por objetivo

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO DIREITO PENAL 1º Semestre de 2016

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO DIREITO PENAL 1º Semestre de 2016 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO DIREITO PENAL 1º Semestre de 2016 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as normas para inscrição e matrícula

Leia mais

Governo do Estado do Rio Grande do Norte Secretaria da Administração e dos Recursos Humanos

Governo do Estado do Rio Grande do Norte Secretaria da Administração e dos Recursos Humanos SECRETARIA DE ESTADO DA ADMINISTRAÇÃO E DOS RECURSOS HUMANOS ESCOLA DE GOVERNO EDITAL Nº001/2010 Regulamenta o Processo Seletivo para ingresso no Curso de Pós-Graduação lato sensu em Educação a Distância

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO RELAÇÕES INTERNACIONAIS 1º Semestre de 2016

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO RELAÇÕES INTERNACIONAIS 1º Semestre de 2016 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO RELAÇÕES INTERNACIONAIS 1º Semestre de 2016 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as normas para inscrição

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO JORNALISMO ESPORTIVO E NEGÓCIOS DO ESPORTE 1º Semestre de 2016

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO JORNALISMO ESPORTIVO E NEGÓCIOS DO ESPORTE 1º Semestre de 2016 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO JORNALISMO ESPORTIVO E NEGÓCIOS DO ESPORTE 1º Semestre de 2016 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE SECRETARIA DE ESTADO DA ADMINISTRAÇÃO E DOS RECURSOS HUMANOS ESCOLA DE GOVERNO EDITAL Nº002/2010

GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE SECRETARIA DE ESTADO DA ADMINISTRAÇÃO E DOS RECURSOS HUMANOS ESCOLA DE GOVERNO EDITAL Nº002/2010 GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE SECRETARIA DE ESTADO DA ADMINISTRAÇÃO E DOS RECURSOS HUMANOS ESCOLA DE GOVERNO EDITAL Nº002/2010 Regulamenta o Processo Seletivo para ingresso no Curso de Especialização

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM GESTÃO DE MARKETING 1º Semestre de 2016

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM GESTÃO DE MARKETING 1º Semestre de 2016 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM GESTÃO DE MARKETING 1º Semestre de 2016 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as normas para inscrição

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM GESTÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO 1º Semestre de 2016

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM GESTÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO 1º Semestre de 2016 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM GESTÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO 1º Semestre de 2016 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - UERJ CENTRO BIOMÉDICO INSTITUTO DE MEDICINA SOCIAL CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GÊNERO E SEXUALIDADE EDITAL

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - UERJ CENTRO BIOMÉDICO INSTITUTO DE MEDICINA SOCIAL CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GÊNERO E SEXUALIDADE EDITAL UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - UERJ CENTRO BIOMÉDICO INSTITUTO DE MEDICINA SOCIAL CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GÊNERO E SEXUALIDADE EDITAL CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GÊNERO E SEXUALIDADE TURMA

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM COMUNICAÇÃO CORPORATIVA INTEGRADA 1º Semestre de 2016

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM COMUNICAÇÃO CORPORATIVA INTEGRADA 1º Semestre de 2016 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM COMUNICAÇÃO CORPORATIVA INTEGRADA 1º Semestre de 2016 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as

Leia mais

REGULAMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO IMOBILIÁRIO

REGULAMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO IMOBILIÁRIO REGULAMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO IMOBILIÁRIO Cabedelo - PB Página 1 de 9 FACULDADE DE ENSINO SUPERIOR DA PARAÍBA - FESP, PESQUISA E EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA REGULAMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO

Leia mais

MBA em Gestão Estratégica de Vendas para o Mercado da Moda e de Têxteis (EaD): 400h Pós Graduação em Design de Moda (EaD): 408h

MBA em Gestão Estratégica de Vendas para o Mercado da Moda e de Têxteis (EaD): 400h Pós Graduação em Design de Moda (EaD): 408h EDITAL DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU A DISTÂNCIA 2010 A, no uso de suas atribuições, e tendo em vista o que dispõe o Decreto nº 5.622, de 19 de dezembro de 2005, que regulamenta o artigo 80, da Lei nº 9.394,

Leia mais

EDITAL N 75, DE 8 DE JULHO DE 2015. Processo Seletivo 2016.1.

EDITAL N 75, DE 8 DE JULHO DE 2015. Processo Seletivo 2016.1. EDITAL N 75, DE 8 DE JULHO DE 2015. Processo Seletivo 2016.1. O PRÓ-REITOR DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO da Fundação Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, no uso de suas atribuições, torna

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO NEW BRANDING INNOVATION MBA 1º Semestre de 2016

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO NEW BRANDING INNOVATION MBA 1º Semestre de 2016 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO NEW BRANDING INNOVATION MBA 1º Semestre de 2016 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as normas para inscrição

Leia mais

Ministério da Saúde FIOCRUZ Fundação Oswaldo Cruz Instituto Oswaldo Cruz

Ministério da Saúde FIOCRUZ Fundação Oswaldo Cruz Instituto Oswaldo Cruz Programa de Pós-Graduação Stricto sensu em Biologia Computacional e Sistemas CHAMADA DE SELEÇÃO PÚBLICA de Candidatos ao Programa de Pós-Graduação Stricto sensu em Biologia Computacional e Sistemas em

Leia mais

FACULDADE PROCESSUS REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

FACULDADE PROCESSUS REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU FACULDADE PROCESSUS REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU 0 ÍNDICE NATUREZA E FINALIDADE 2 COORDENAÇÃO DOS CURSOS 2 COORDENAÇÃO DIDÁTICA 2 COORDENADOR DE CURSO 2 ADMISSÃO AOS CURSOS 3 NÚMERO

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO nº. 003 de 20/08/2014.

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO nº. 003 de 20/08/2014. A Fundação Sousândrade de Apoio ao Desenvolvimento da UFMA FSADU, por meio da Gerência de Técnica de Concursos GTEC/CONC/FSADU, em parceria com o Instituto Universitário Atlântico e com o Instituto Politécnico

Leia mais

REGULAMENTO DO TCC - PROJETO EXPERIMENTAL OU MONOGRÁFICO DOS CURSOS DE BACHARELADO EM COMUNICAÇÃO SOCIAL JORNALISMO E PUBLICIDADE E PROPAGANDA

REGULAMENTO DO TCC - PROJETO EXPERIMENTAL OU MONOGRÁFICO DOS CURSOS DE BACHARELADO EM COMUNICAÇÃO SOCIAL JORNALISMO E PUBLICIDADE E PROPAGANDA REGULAMENTO DO TCC - PROJETO EXPERIMENTAL OU MONOGRÁFICO DOS CURSOS DE BACHARELADO EM COMUNICAÇÃO SOCIAL JORNALISMO E PUBLICIDADE E PROPAGANDA CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS Art. 1º. Este Regulamento disciplina

Leia mais

FGV LAW PROGRAM Regulamento dos Cursos do Programa de Inglês Jurídico Rio de Janeiro

FGV LAW PROGRAM Regulamento dos Cursos do Programa de Inglês Jurídico Rio de Janeiro FGV LAW PROGRAM Regulamento dos Cursos do Programa de Inglês Jurídico Rio de Janeiro 1.0 DOS CURSOS DE EDUCAÇÃO CONTINUADA Art. 1º O FGV Law Program da Escola de Direito do Rio de Janeiro da Fundação Getulio

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÀRIO CÂMARA SUPERIOR DE PÓS-GRADUAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÀRIO CÂMARA SUPERIOR DE PÓS-GRADUAÇÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÀRIO CÂMARA SUPERIOR DE PÓS-GRADUAÇÃO RESOLUÇÃO Nº 01/2014 Aprova o Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em nível de Especialização,

Leia mais

Edital nº 13/2014 PROPP-UEMS de 30 de abril de 2014.

Edital nº 13/2014 PROPP-UEMS de 30 de abril de 2014. Edital nº 13/2014 PROPP-UEMS de 30 de abril de 2014. ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA O PROCESSO SELETIVO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM DESENVOLVIMENTO REGIONAL E DE SISTEMAS PRODUTIVOS DA UEMS

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO DA UNESP FFC/MARÍLIA. Seção I. Dos Objetivos

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO DA UNESP FFC/MARÍLIA. Seção I. Dos Objetivos REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO DA UNESP FFC/MARÍLIA Seção I Dos Objetivos Artigo 1º O Programa de Pós-Graduação em Educação da Faculdade de Filosofia e Ciências de Marília será estruturado

Leia mais

EDITAL UFF/AN Nº 02/ 2007 SELEÇÃO DE CANDIDATOS PARA O CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO ORGANIZAÇÃO, PLANEJAMENTO E DIREÇÃO DE ARQUIVOS ( LATO SENSU )

EDITAL UFF/AN Nº 02/ 2007 SELEÇÃO DE CANDIDATOS PARA O CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO ORGANIZAÇÃO, PLANEJAMENTO E DIREÇÃO DE ARQUIVOS ( LATO SENSU ) EDITAL UFF/AN Nº 02/ 2007 SELEÇÃO DE CANDIDATOS PARA O CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO ORGANIZAÇÃO, PLANEJAMENTO E DIREÇÃO DE ARQUIVOS 1. PREÂMBULO ( LATO SENSU ) A Universidade Federal Fluminense (UFF) e o Arquivo

Leia mais

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA (UnB) PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ECONOMIA EDITAL No. 01/2012

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA (UnB) PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ECONOMIA EDITAL No. 01/2012 UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA (UnB) PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ECONOMIA EDITAL No. 01/2012 SELEÇÃO DE CANDIDATOS ÀS VAGAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ECONOMIA, PARA O CURSO DE MESTRADO PROFISSIONAL, ÁREA

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA INSTITUCIONAL 1º Semestre de 2016

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA INSTITUCIONAL 1º Semestre de 2016 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA INSTITUCIONAL 1º Semestre de 2016 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as normas para

Leia mais

EDITAL 04/2014 CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO FINANCEIRA DE INSTITUIÇÕES FILANTRÓPICAS E ORGANIZAÇÕES SOCIAIS

EDITAL 04/2014 CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO FINANCEIRA DE INSTITUIÇÕES FILANTRÓPICAS E ORGANIZAÇÕES SOCIAIS EDITAL 04/2014 CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO FINANCEIRA DE INSTITUIÇÕES FILANTRÓPICAS E ORGANIZAÇÕES SOCIAIS A Faculdade Católica Dom Orione, Araguaína TO, torna pública a abertura das inscrições para

Leia mais

EDITAL DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE AMBIENTAL (MESTRADO PROFISSIONAL)

EDITAL DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE AMBIENTAL (MESTRADO PROFISSIONAL) EDITAL DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SAÚDE AMBIENTAL (MESTRADO PROFISSIONAL) PARTE I - DISPOSIÇÕES GERAIS PERÍODO DE INSCRIÇÕES: 30/01/2012 A 23/03/2012 PERÍODO DE SELAÇÃO: 26 a 30/03/2012 TÍTULO I -

Leia mais

SECRETARIA GERAL DAS RELAÇÕES EXTERIORES INSTITUTO RIO BRANCO LXIV CURSO DE APERFEIÇOAMENTO DE DIPLOMATAS

SECRETARIA GERAL DAS RELAÇÕES EXTERIORES INSTITUTO RIO BRANCO LXIV CURSO DE APERFEIÇOAMENTO DE DIPLOMATAS SECRETARIA GERAL DAS RELAÇÕES EXTERIORES INSTITUTO RIO BRANCO EDITAL DE 25 DE MARÇO DE 2014 LXIV CURSO DE APERFEIÇOAMENTO DE DIPLOMATAS O DIRETOR-GERAL DO INSTITUTO RIO BRANCO, no uso de suas atribuições,

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO DA FACULDADE DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS UNESP CÂMPUS MARÍLIA

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO DA FACULDADE DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS UNESP CÂMPUS MARÍLIA REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO DA FACULDADE DE FILOSOFIA E CIÊNCIAS UNESP CÂMPUS MARÍLIA Resolução Unesp-95, de 26/10/05 Seção I Dos Objetivos Artigo 1º - O programa

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 30, DE 28 DE ABRIL DE 2011

RESOLUÇÃO Nº 30, DE 28 DE ABRIL DE 2011 RESOLUÇÃO Nº 30, DE 28 DE ABRIL DE 2011 Dispõe sobre as normas para a pós-graduação na modalidade lato sensu ofertada pela Universidade Federal do Pampa. O CONSELHO UNIVERSITÁRIO da Universidade Federal

Leia mais

Os candidatos deverão apresentar a documentação acondicionada em pasta com dois furos seguindo a ordem citada abaixo:

Os candidatos deverão apresentar a documentação acondicionada em pasta com dois furos seguindo a ordem citada abaixo: UNESP CÂMPUS DE BOTUCATU FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA E ZOOTECNIA EDITAL 23/2015-DDTA A Diretoria da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia UNESP Câmpus de Botucatu, torna público que estarão

Leia mais

FGV LAW PROGRAM Regulamento dos Cursos do Programa de Inglês Jurídico Rio de Janeiro

FGV LAW PROGRAM Regulamento dos Cursos do Programa de Inglês Jurídico Rio de Janeiro FGV LAW PROGRAM Regulamento dos Cursos do Programa de Inglês Jurídico Rio de Janeiro 1.0 DOS CURSOS DE EDUCAÇÃO CONTINUADA Art. 1º O FGV Law Program da Escola de Direito do Rio de Janeiro da Fundação Getulio

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO COMISSÃO DE MONITORIA INSTRUÇÃO DE SERVIÇO N.º 03 DE 10 DE NOVEMBRO DE 2014

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO COMISSÃO DE MONITORIA INSTRUÇÃO DE SERVIÇO N.º 03 DE 10 DE NOVEMBRO DE 2014 UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO COMISSÃO DE MONITORIA INSTRUÇÃO DE SERVIÇO N.º 03 DE 10 DE NOVEMBRO DE 2014 EMENTA: Estabelece critérios para a operacionalização do Programa de

Leia mais

EDITAL COMPLEMENTAR MNPEF- UnB - N O 01/2013

EDITAL COMPLEMENTAR MNPEF- UnB - N O 01/2013 Universidade de Brasília Instituto de Física Programa de Pós-Graduação em Ensino de Física Polo 1 - UnB EDITAL COMPLEMENTAR MNPEF- UnB - N O 01/2013 PROCESSO SELETIVO DE INGRESSO NO CURSO DE MESTRADO NACIONAL

Leia mais

1. DOS PRÉ-REQUISITOS 2. FUNCIONAMENTO DO CURSO

1. DOS PRÉ-REQUISITOS 2. FUNCIONAMENTO DO CURSO 1 Edital de oferta de vagas para o Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão Estratégica de Negócios, na modalidade a distância. O Reitor da Universidade Anhanguera-Uniderp, credenciada pelo MEC

Leia mais

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM TECNOLOGIAS QUÍMICA E BIOLÓGICA EDITAL Nº 1/2014

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM TECNOLOGIAS QUÍMICA E BIOLÓGICA EDITAL Nº 1/2014 UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM TECNOLOGIAS QUÍMICA E BIOLÓGICA EDITAL Nº 1/2014 SELEÇÃO DE CANDIDATOS ÀS VAGAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM TECNOLOGIAS QUÍMICA E BIOLÓGICA PARA

Leia mais

NORMAS GERAIS PARA A REGULAMENTAÇÃO DA ATIVIDADE DE PÓS-GRADUAÇÃO

NORMAS GERAIS PARA A REGULAMENTAÇÃO DA ATIVIDADE DE PÓS-GRADUAÇÃO NORMAS GERAIS PARA A REGULAMENTAÇÃO DA ATIVIDADE DE PÓS-GRADUAÇÃO Regimento de Pós-Graduação CAPÍTULO I Da Caracterização, Fins e Objetivos Art.1º As presentes normas visam, em conjunto com o Regimento

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO 001/2015

EDITAL DE SELEÇÃO 001/2015 EDITAL DE SELEÇÃO 001/2015 SELEÇÃO PARA O CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM DIREITO PÚBLICO A SER REALIZADO EM PARCEIRA COM A UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAZONAS O PRESIDENTE DA ORDEM DOS ADVOGADOS NO BRASIL SEÇÃO

Leia mais

EDITAL N o 17/2014 1 - INFORMAÇÕES GERAIS

EDITAL N o 17/2014 1 - INFORMAÇÕES GERAIS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO FACULDADE DE DIREITO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM DIREITO AGRÁRIO EDITAL N o 17/2014 1 - INFORMAÇÕES GERAIS A

Leia mais

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOÉTICA EDITAL N. 1/2014

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOÉTICA EDITAL N. 1/2014 UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOÉTICA EDITAL N. 1/2014 SELEÇÃO DE CANDIDATOS ÀS VAGAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOÉTICA PARA OS CURSOS DE MESTRADO ACADÊMICO E DOUTORADO

Leia mais

EDITAL Nº 072/2014. 1.2. O cronograma letivo será desenvolvido, conforme a seguir:

EDITAL Nº 072/2014. 1.2. O cronograma letivo será desenvolvido, conforme a seguir: 1 EDITAL Nº 072/2014 PROCESSO DE SELEÇÃO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENSINO DE CIÊNCIAS E MATEMÁTICA (MESTRADO PROFISSIONAL EM ENSINO DE CIÊNCIAS E MATEMÁTICA), DA PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA

Leia mais

Universidade de Brasília Faculdade de Ciências da Saúde Programa de Pós-Graduação em Bioética Edital 1/2013

Universidade de Brasília Faculdade de Ciências da Saúde Programa de Pós-Graduação em Bioética Edital 1/2013 SELEÇÃO DE CANDIDATOS ÀS VAGAS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIOÉTICA PARA OS CURSOS DE MESTRADO ACADÊMICO E DOUTORADO PARA O PRIMEIRO PERÍODO LETIVO DE 2014 1. PREÂMBULO 1.1 O Coordenador do, no uso

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SANTA CRUZ DO SUL UNISC REGULAMENTO DO CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES TÍTULO I DO CONCURSO E DOS CANDIDATOS

UNIVERSIDADE DE SANTA CRUZ DO SUL UNISC REGULAMENTO DO CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES TÍTULO I DO CONCURSO E DOS CANDIDATOS UNIVERSIDADE DE SANTA CRUZ DO SUL UNISC REGULAMENTO DO CONCURSO PÚBLICO PARA DOCENTES TÍTULO I DO CONCURSO E DOS CANDIDATOS Art. 1º O ingresso como docente na UNISC faz-se mediante Concurso Público de

Leia mais

EDITAL NPL 2/2015 E D I T A L

EDITAL NPL 2/2015 E D I T A L EDITAL NPL 2/2015 PRORROGA INSCRIÇÕES AO PROCESSO DE SELEÇÃO PARA A PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM MEDICINA DO TRABALHO E MBA INTERNACIONAL PARA EXECUTIVOS DOS CAMPI BRAGANÇA PAULISTA E CAMPINAS UNIDADE CAMBUÍ,

Leia mais

ASSOCIAÇÃO CARUARUENSE DE ENSINO SUPERIOR FACULDADE ASCES

ASSOCIAÇÃO CARUARUENSE DE ENSINO SUPERIOR FACULDADE ASCES DISPOSIÇÕES GERAIS ASSOCIAÇÃO CARUARUENSE DE ENSINO SUPERIOR FACULDADE ASCES REGULAMENTO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO MONOGRAFIA Art. 1º. Este regulamento define os procedimentos referentes à elaboração,

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 32/2011

RESOLUÇÃO Nº 32/2011 RESOLUÇÃO Nº 32/2011 Regulamenta a Pós-Graduação Lato Sensu da O, da Universidade Federal de Juiz de Fora, no exercício de suas atribuições e tendo em vista o que consta do Processo 23071.014937/2010-12

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS CENTRO DE APOIO À EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA (CAED) EDITAL 054/2013 PROCESSO DE SELEÇÃO DE CURSISTAS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS CENTRO DE APOIO À EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA (CAED) EDITAL 054/2013 PROCESSO DE SELEÇÃO DE CURSISTAS UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS CENTRO DE APOIO À EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA (CAED) EDITAL 054/2013 PROCESSO DE SELEÇÃO DE CURSISTAS O Centro de Apoio à Educação a Distância da UFMG (CAED) faz saber que

Leia mais

PROGRAMA DE APOIO FINANCEIRO À GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO DE SERVIDORES DO IFMG

PROGRAMA DE APOIO FINANCEIRO À GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO DE SERVIDORES DO IFMG EDITAL Nº 066/2015 PROGRAMA DE APOIO FINANCEIRO À GRADUAÇÃO E PÓS-GRADUAÇÃO DE SERVIDORES DO IFMG O Instituto Federal de Minas Gerais IFMG, por meio da Diretoria de Gestão de Pessoas, comunica a abertura

Leia mais

PROGRAMA PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU MESTRADO PROFISSIONAL EM CIÊNCIAS DO MEIO AMBIENTE REGULAMENTO

PROGRAMA PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU MESTRADO PROFISSIONAL EM CIÊNCIAS DO MEIO AMBIENTE REGULAMENTO PROGRAMA PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU MESTRADO PROFISSIONAL EM CIÊNCIAS DO MEIO AMBIENTE REGULAMENTO TÍTULO I : DAS DISPOSIÇÕES GERAIS TÍTULO II : DA ORGANIZAÇÃO ADMINISTRATIVA Capítulo 1: Das atribuições

Leia mais

REGULAMENTO INTERNO DE CURSOS LIVRES PROFISSIONALIZANTES

REGULAMENTO INTERNO DE CURSOS LIVRES PROFISSIONALIZANTES REGULAMENTO INTERNO DE CURSOS LIVRES PROFISSIONALIZANTES 1. DEFINIÇÃO DE CURSOS LIVRES 1.1. Os Cursos Livres, de acordo com o artigo 42, da Lei nº 9.394/1996, são cursos abertos à comunidade, condicionada

Leia mais

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE ORIENTAÇÃO DA MONOGRAFIA JURÍDICA DO CURSO DE DIREITO

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE ORIENTAÇÃO DA MONOGRAFIA JURÍDICA DO CURSO DE DIREITO REGULAMENTO DO NÚCLEO DE ORIENTAÇÃO DA MONOGRAFIA JURÍDICA DO CURSO DE DIREITO ÍNDICE TÍTULO I DA CONSTITUIÇÃO, FINALIDADE E OBJETIVO TÍTULO II DA ORGANIZAÇÃO CAPÍTULO I - DA COORDENAÇÃO CAPÍTULO II -

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E DE TECNOLOGIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MATEMÁTICA REGIMENTO INTERNO.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E DE TECNOLOGIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MATEMÁTICA REGIMENTO INTERNO. UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E DE TECNOLOGIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM MATEMÁTICA REGIMENTO INTERNO Título I Dos Objetivos Artigo 1º - O Programa de Pós-Graduação em

Leia mais

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI ÍTALO BOLOGNA CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI ÍTALO BOLOGNA CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EDITAL No. 03/2013 FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAI ÍTALO BOLOGNA CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Seleção de candidatos às vagas nos cursos de Pós- Graduação lato sensu Gestão da Manutenção Industrial

Leia mais

ANO 2014 2º SEMESTRE

ANO 2014 2º SEMESTRE SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS GERAIS EDITAL Nº 095/2014, de 25/04/2014 PROCESSO SELETIVO E MATRÍCULA DOS CANDIDATOS APROVADOS NO PROGRAMA

Leia mais

EDITAL VESTIBULAR FLORENCE AGENDADO SEMESTRE LETIVO 2016.1

EDITAL VESTIBULAR FLORENCE AGENDADO SEMESTRE LETIVO 2016.1 EDITAL VESTIBULAR FLORENCE AGENDADO SEMESTRE LETIVO 2016.1 EDITAL N 15 2016 PROCESSO SELETIVO 2016.1 A Diretora Geral do Instituto Florence de Ensino Superior, no uso de suas atribuições regimentais, torna

Leia mais

Governo do Estado do Rio Grande do Norte Secretaria de Estado da Saúde Pública Gabinete do Secretário

Governo do Estado do Rio Grande do Norte Secretaria de Estado da Saúde Pública Gabinete do Secretário Governo do Estado do Rio Grande do Norte Secretaria de Estado da Saúde Pública Gabinete do Secretário RESIDÊNCIA MÉDICA/2014 EDITAL Nº. 04 CRH/SESAP Republicação considerando a aprovação pela Comissão

Leia mais

AVISO DE EDITAL Nº 12/2014

AVISO DE EDITAL Nº 12/2014 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO INSTITUTO DE MATEMÁTICA E ESTATÍSTICA COORDENAÇÃO DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA AVISO DE EDITAL Nº

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ECONOMIA EDITAL Nº 07/2014 SELEÇÃO PARA MESTRADO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ECONOMIA EDITAL Nº 07/2014 SELEÇÃO PARA MESTRADO UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ECONOMIA EDITAL Nº 07/2014 SELEÇÃO PARA MESTRADO A Coordenação do Programa de Pós-Graduação em Economia da Universidade Federal do Ceará CAEN/UFC

Leia mais

Empresa / Turma: Curso: Aluno (a): Declaro ter recebido, estar ciente e concordar com as normas estabelecidas pela documentação abaixo citada.

Empresa / Turma: Curso: Aluno (a): Declaro ter recebido, estar ciente e concordar com as normas estabelecidas pela documentação abaixo citada. Empresa / Turma: Curso: Aluno (a): Declaro ter recebido, estar ciente e concordar com as normas estabelecidas pela documentação abaixo citada. Regulamento Acadêmico dos cursos do FGV in company Código

Leia mais

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM TECNOLOGIAS QUÍMICA E BIOLÓGICA

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM TECNOLOGIAS QUÍMICA E BIOLÓGICA UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM TECNOLOGIAS QUÍMICA E BIOLÓGICA EDITAL N o. 1/2012 SELEÇÃO DE CANDIDATOS ÀS VAGAS DO PROGRAMA DE PÓS- GRADUAÇÃO EM TECNOLOGIAS QUÍMICA E BIOLÓGICA

Leia mais

PROCESSO DE SELEÇÃO DE ALUNOS PARA O CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GÊNERO E DIVERSIDADE NA ESCOLA

PROCESSO DE SELEÇÃO DE ALUNOS PARA O CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GÊNERO E DIVERSIDADE NA ESCOLA UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS NÚCLEO DE DIREITOS HUMANOS E CIDADANIA LGBT PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA DA UFMG CENTRO DE APOIO À EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA PROCESSO DE SELEÇÃO DE ALUNOS PARA

Leia mais

EDITAL UESC Nº 115 ABERTURA DE INSCRIÇÕES CONCURSO VESTIBULAR PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO NA MODALIDADE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA - 2014

EDITAL UESC Nº 115 ABERTURA DE INSCRIÇÕES CONCURSO VESTIBULAR PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO NA MODALIDADE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA - 2014 EDITAL UESC Nº 115 ABERTURA DE INSCRIÇÕES CONCURSO VESTIBULAR PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO NA MODALIDADE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA - 2014 O Reitor em exercício da Universidade Estadual de Santa Cruz UESC, no

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA ESPECIALIZAÇÃO EM OFTALMOLOGIA - 2014 CURSO CREDENCIADO PELO CONSELHO BRASILEIRO DE OFTALMOLOGIA - CBO EDITAL

PROCESSO SELETIVO PARA ESPECIALIZAÇÃO EM OFTALMOLOGIA - 2014 CURSO CREDENCIADO PELO CONSELHO BRASILEIRO DE OFTALMOLOGIA - CBO EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA ESPECIALIZAÇÃO EM OFTALMOLOGIA - 2014 CURSO CREDENCIADO PELO CONSELHO BRASILEIRO DE OFTALMOLOGIA - CBO EDITAL O Hospital de Olhos de Sergipe (HOS), no uso das atribuições legais,

Leia mais

EDITAL Nº. 17/2015 PROCESSO SELETIVO 2016/1

EDITAL Nº. 17/2015 PROCESSO SELETIVO 2016/1 EDITAL Nº. 17/2015 PROCESSO SELETIVO 2016/1 O Diretor Superintendente da Faculdade Autônoma de Direito FADISP, no uso de suas atribuições regimentais e em acordo com a Lei nº. 9394/1996 das Diretrizes

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE PÓS-GRADUAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE PÓS-GRADUAÇÃO RESOLUÇÃO Nº. 07/2015 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CONSELHO UNIVERSITÁRIO CÂMARA SUPERIOR DE PÓS-GRADUAÇÃO Aprova a criação do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu, em nível

Leia mais

N.º de vagas por curso Administração 630 270 50 GOIÂNIA Contabilidade 700 300 50 Secretariado 630 270 50 Logística 792 198 50 ANÁPOLIS C/H DISTÂNCIA

N.º de vagas por curso Administração 630 270 50 GOIÂNIA Contabilidade 700 300 50 Secretariado 630 270 50 Logística 792 198 50 ANÁPOLIS C/H DISTÂNCIA Edital n.º 001/15/GABS/e-Tec Brasil Processo Seletivo para ingresso nos Cursos Técnicos de Nível Médio Subsequentes, na modalidade a Distância EaD, da Rede Escola Técnica Aberta do Brasil e-tec Brasil/SETEC/MEC.

Leia mais

A v a l i a ç ã o e m S a ú d e

A v a l i a ç ã o e m S a ú d e Rio de Janeiro, 8 de junho de 2015 A v a l i a ç ã o e m S a ú d e CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO NA MODALIDADE A DISTÂNCIA EDITAL PARA SELEÇÃO DE ALUNOS A Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca (ENSP),

Leia mais

EDITAL Nº 005/2012 PROCESSO SELETIVO DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO FINANCEIRA EMPRESARIAL

EDITAL Nº 005/2012 PROCESSO SELETIVO DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO FINANCEIRA EMPRESARIAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO EDITAL Nº 005/2012 PROCESSO SELETIVO DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO FINANCEIRA EMPRESARIAL A Faculdade

Leia mais

EDITAL Nº 06/2014, de 14 de fevereiro de 2014 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA TUTORES A DISTÂNCIA PROCESSO Nº 23222.

EDITAL Nº 06/2014, de 14 de fevereiro de 2014 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA TUTORES A DISTÂNCIA PROCESSO Nº 23222. EDITAL Nº 06/2014, de 14 de fevereiro de 2014 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA TUTORES A DISTÂNCIA PROCESSO Nº 23222.000079/2014-73 O Diretor Geral do campus Rio Pomba do Instituto Federal de Educação,

Leia mais

EDITAL BOLSA FUNARTE DE INCENTIVO À PESQUISA DA ARTE CIRCENSE

EDITAL BOLSA FUNARTE DE INCENTIVO À PESQUISA DA ARTE CIRCENSE EDITAL BOLSA FUNARTE DE INCENTIVO À PESQUISA DA ARTE CIRCENSE O Presidente da Fundação Nacional de Artes - Funarte, no uso das atribuições que lhe confere o inciso V artigo 14 do Estatuto aprovado pelo

Leia mais

EDITAL 014/2014 DE 05 DE NOVEMBRO DE 2014 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015.1 - ENGENHARIA CIVIL E VAGAS REMANESCENTES

EDITAL 014/2014 DE 05 DE NOVEMBRO DE 2014 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015.1 - ENGENHARIA CIVIL E VAGAS REMANESCENTES EDITAL 014/2014 DE 05 DE NOVEMBRO DE 2014 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015.1 - ENGENHARIA CIVIL E VAGAS REMANESCENTES A Faculdade Maria Milza FAMAM torna público o Edital do Processo Seletivo Vestibular

Leia mais

3o 4o 5o 6o Art. 8o Art. 9o

3o 4o 5o 6o Art. 8o Art. 9o REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU TÍTULO I GENERALIDADES Art. 1 o A Fundação Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Mandaguari FAFIMAN - poderá oferecer cursos de pós-graduação lato

Leia mais

EDITAL Nº 02/2014, PROGEP/CDP/NUGCAP.

EDITAL Nº 02/2014, PROGEP/CDP/NUGCAP. EDITAL Nº 02/2014, PROGEP/CDP/NUGCAP. PROGRAMA DE APOIO FINANCEIRO PARA PARTICIPAÇÃO DOS SERVIDORES TÉCNICOS ADMINISTRATIVOS EM EDUCAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA EM CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO.

Leia mais

PROGRAMA PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU MESTRADO PROFISSIONAL EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA REGULAMENTO

PROGRAMA PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU MESTRADO PROFISSIONAL EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA REGULAMENTO PROGRAMA PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU MESTRADO PROFISSIONAL EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA REGULAMENTO TÍTULO I : DAS DISPOSIÇÕES GERAIS TÍTULO II : DA ORGANIZAÇÃO ADMINISTRATIVA Capítulo 1: Das atribuições do

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA PÓS-GRADUAÇÃO IUA nº. 004 de 06/11/2015

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA PÓS-GRADUAÇÃO IUA nº. 004 de 06/11/2015 O INSTITUTO UNIVERSITÁRIO ATLÂNTICO IUA, em parceria com a UNIVERSIDADE ATLÂNTICA Oeiras-Lisboa/Portugal e a Faculdade Einstein, torna público, para conhecimento dos interessados, que realizará Processo

Leia mais

EDITAL Nº 092/2015 PROCESSO SELETIVO DE TRANSFERÊNCIA EXTERNA PARA CURSOS DE GRADUAÇÃO - MODALIDADE PRESENCIAL

EDITAL Nº 092/2015 PROCESSO SELETIVO DE TRANSFERÊNCIA EXTERNA PARA CURSOS DE GRADUAÇÃO - MODALIDADE PRESENCIAL EDITAL Nº 092/2015 PROCESSO SELETIVO DE TRANSFERÊNCIA EXTERNA PARA CURSOS DE GRADUAÇÃO - MODALIDADE PRESENCIAL A Diretoria de Relacionamento e Serviços ao Aluno do Centro Universitário Senac torna pública

Leia mais

REGIMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM TECNOLOGIAS EM SAÚDE (STRICTO SENSU)

REGIMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM TECNOLOGIAS EM SAÚDE (STRICTO SENSU) REGIMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM TECNOLOGIAS EM SAÚDE (STRICTO SENSU) MESTRADO TÍTULO I DOS FINS Art. 1 o O curso de Pós-Graduação Mestrado em Tecnologias em Saúde, da Fundação Bahiana para Desenvolvimento

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO CENTRAL PAULISTA UNICEP DIRETORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E CURSOS DE EXTENSÃO

CENTRO UNIVERSITÁRIO CENTRAL PAULISTA UNICEP DIRETORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E CURSOS DE EXTENSÃO CENTRO UNIVERSITÁRIO CENTRAL PAULISTA UNICEP DIRETORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E CURSOS DE EXTENSÃO REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO MODALIDADE SEMIPRESENCIAL CAPÍTULO I - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

Leia mais

Curso de Pós-Graduação Lato-Sensu Enfermagem em Reprodução Humana Assistida

Curso de Pós-Graduação Lato-Sensu Enfermagem em Reprodução Humana Assistida Rua Vieira Maciel, 62 Jd. Paulista, São Paulo, SP CEP 04503-040. Tel: 0**11 3018-3488. HOME PAGE: http://www.sapientiae.org.br E-Mail: cursos@sapientiae.org.br EDITAL Nº 019/2014 - SPG/AIS A (AIS) torna

Leia mais

Salvador, Bahia Sexta-feira 19 de Julho de 2013 Ano XCVII N o 21.187 EDITAL N.º 074/2013

Salvador, Bahia Sexta-feira 19 de Julho de 2013 Ano XCVII N o 21.187 EDITAL N.º 074/2013 Salvador, Bahia Sexta-feira 19 de Julho de 2013 Ano XCVII N o 21.187 EDITAL N.º 074/2013 O REITOR DA UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA (UNEB), no uso de suas atribuições legais e regimentais, Torna Público

Leia mais

CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA. Resolução nº 01/2010

CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA. Resolução nº 01/2010 CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA Resolução nº 01/2010 Regulamenta a pós-graduação lato sensu nas modalidades semipresencial e à distância O Diretor do Centro de Educação

Leia mais

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM LÍNGUA PORTUGUESA - TURMA 2015 PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM LÍNGUA PORTUGUESA - TURMA 2015 PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - UERJ CENTRO EDUCAÇÃO E HUMANIDADES INSTITUTO DE LETRAS CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM LÍNGUA PORTUGUESA EDITAL CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM LÍNGUA PORTUGUESA - TURMA

Leia mais

EDITAL Nº. 71/2013 PROCESSO SELETIVO 2014/1

EDITAL Nº. 71/2013 PROCESSO SELETIVO 2014/1 EDITAL Nº. 71/2013 PROCESSO SELETIVO 2014/1 O Diretor Superintendente das Faculdades Alves Faria ALFA, no uso de suas atribuições regimentais e em acordo com a Lei nº. 9394/1996 das Diretrizes e Bases

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO Nº 007/NEAD/FaPP/CEPEAD/UEMG PROCESSO SIMPLIFICADO DE SELEÇÃO DE TUTORES PRESENCIAIS

EDITAL DE SELEÇÃO Nº 007/NEAD/FaPP/CEPEAD/UEMG PROCESSO SIMPLIFICADO DE SELEÇÃO DE TUTORES PRESENCIAIS UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MINAS GERAIS NEAD Núcleo de Educação a Distância FaPP Faculdade de Políticas Públicas Tancredo Neves CEPEAD - Centro de Pesquisa em Educação a Distância EDITAL DE SELEÇÃO Nº 007/NEAD/FaPP/CEPEAD/UEMG

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2015

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2015 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2015 2 Edital do Processo Seletivo 2015 CAPÍTULO I DO PROCESSO SELETIVO Artigo 1º. De conformidade com o disposto na Lei 9394, de 20/12/96, Pareceres 95, de 01/12/98 e 98/99

Leia mais

EDITAL N o 14/2014 1 - INFORMAÇÕES GERAIS

EDITAL N o 14/2014 1 - INFORMAÇÕES GERAIS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO FACULDADE DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO E AVALIAÇÃO DA INFORMAÇÃO EDITAL N o 14/2014 1

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO - UNIFESP. UNIVERSIDADE ABERTA DO SUS - UnA-SUS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO - UNIFESP. UNIVERSIDADE ABERTA DO SUS - UnA-SUS UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO - UNIVERSIDADE ABERTA DO SUS - PROCESSO SELETIVO DE ALUNOS PARA O 2º CURSO DE APERFEIÇOAMENTO FORMAÇÃO DE PRECEPTORES PARA O SUS EDITAL Nº 246 / 2015 A UNIVERSIDADE FEDERAL

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ PRÓ-REITORIA DE DESENVOLVIMENTO E GESTÃO DE PESSOAL EDITAL Nº 173, DE 18 DE OUTUBRO DE 2013.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ PRÓ-REITORIA DE DESENVOLVIMENTO E GESTÃO DE PESSOAL EDITAL Nº 173, DE 18 DE OUTUBRO DE 2013. PUBLICADO NO D.O.U. De 23/0/203. Seção 3, Página. UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ PRÓ-REITORIA DE DESENVOLVIMENTO E GESTÃO DE PESSOAL EDITAL Nº 73, DE 8 DE OUTUBRO DE 203. PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO O

Leia mais