Soft-Starters. eficaz controle sobre bombas, evitando desta forma o Golpe de Ariete.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Soft-Starters. eficaz controle sobre bombas, evitando desta forma o Golpe de Ariete."

Transcrição

1 Soft-Starters SSW- e SSW- Soft-Starters são chaves de partida estática, destinadas à aceleração, desaceleração e proteção de motores de indução trifásicos. O controle da tensão aplicada ao motor, mediante o ajuste do ângulo de disparo dos tiristores, permite obter partidas e paradas suaves do mesmo. Com o ajuste adequado das variáveis, o torque produzido é ajustado à necessidade da carga, garantindo, desta forma, que a corrente solicitada seja a mínima necessária para a partida. As Soft-Starters WEG, micropro- cessadas e totalmente digitais, são produtos dotados de tecnologia de ponta e foram projetadas para garantir a melhor performance na partida e parada de motores de indução, apresentando-se como uma solução completa e de baixo custo. A interface homem-máquina permite fácil ajuste de parâmetros facilitando a posta em marcha. A função incorporada, Pump Control, permite um eficaz controle sobre bombas, evitando desta forma o Golpe de Ariete.

2 Soft-Starters SSW- e SSW- Benefícios Proteção eletrônica integral do motor Relé térmico eletrônico incorporado Interface Homem-Máquina incorporada Função Kick-Start para partida de cargas com elevado atrito inicial Função Pump Control para controle inteligente de sistemas de bombeamento Evita o Golpe de Ariete em bombas Limitação de picos de corrente na rede Limitação de quedas de tensão na partida Eliminação de choques mecânicos Redução acentuada dos esforços sobre os acoplamentos e dispositivos de transmissão (redutores, polias, engrenagens, correias, etc ) Aumento da vida útil do motor e equipamentos mecânicos da máquina acionada Otimização automática de consumo de energia para aplicações com carga reduzida ou à vazio Possibilidade de partida de vários motores, configurados em paralelo ou em cascata Facilidade de operação, programação e manutenção via interface homem-máquina Simplificação da instalação elétrica Comunicação serial RS- incorporada Comunicação em Redes FieldBus: ProfiBus DP, DeviceNet ou ModBus RTU (opcionais) Programação e monitoração via microcomputador PC com software SUPERDRIVE (opcional) Possibilidade de ligação STANDARD ( cabos) ou OPCIONAL ( cabos) - (somente p/ SSW- Plus) Totalmente digital / Microcontrolador Bits Operação em ambientes de até C Certificações Internacionais UL, cul e CE Principais Aplicações Bombas Centrífugas / Alternativas (Saneamento / Irrigação / Petróleo) Ventiladores / Exaustores / Sopradores Compressores de Ar / Refrigeração (Parafuso / Pistão) Misturadores / Aeradores Centrífugas Britadores / Moedores Picadores de Madeira Refinadores de Papel Fornos Rotativos Serras e Plainas ( Madeira ) Moinhos ( Bolas / Martelo ) Transportadores de Carga * Correias / Cintas / Correntes * Mesas de Rolos * Monovias / Nórias * Escadas Rolantes * Esteiras de Bagagem ( Aeroportos ) * Linhas de Engarrafamento Comparativo entre métodos de partida CORRENTE PARTIDA DIRETA Interface Homem-Máquina Liga soft-starter PARTIDA ESTRELA-TRIÂNGULO Desliga soft-starter Reseta erros na soft-starter SOFT STARTER IHM-P LED que indica que a Soft-Starter iniciou partida ou parada LED indica estado da Soft-Starter: Aceleração Desaceleração plena Em economia de energia Incrementa número ou conteúdo do parâmetro Decrementa número ou conteúdo do parâmetro Comuta display entre o número do parâmetro e o seu conteúdo TEMPO IHM-P Interface Homem-Máquina destacável, com possibilidade de fixação local ou remota (até metros).

3 Linha de Modelos SSW- SSW- Tipos de Ligação (Soft-Starter STANDARD ( cabos) Motor) OPCIONAL ( cabos) R S T R S T R S T F F F F F F F F F I TOTAL I TOTAL U V W I SSW U V W SSW I SSW U V W Motor em Estrela Motor em Triângulo Soft-Starter dentro do Delta do motor I = I I Total consumida Soft-Starter Total consumida I Soft-Starter = Ö SSW- e SSW- SSW- IMPORTANTE: A ligação tipo OPCIONAL ( cabos) é possível somente com as Soft-Starters SSW- Plus. Na ligação convencional do tipo STANDARD ( cabos) o motor pode ser conectado tanto em ligação Estrêla como em Triângulo. Para uma mesma potência de motor, na ligação tipo OPCIONAL ( cabos ), a Soft-Starter é % vezes menor do que a Soft-Starter necessária na ligação tipo STANDARD ( cabos), ou seja, para um mesmo tamanho de Soft-Starter na utilização da ligação tipo OPCIONAL ( cabos), com a Soft-Starter dentro do Delta do Motor, pode-se acionar um motor de potência % vezes maior do que na ligação tipo STANDARD ( cabos). MOTOR / 8V 8 / V / V / 8 / / V Ligação cabos V 8V V / V

4 Funções Principais RAMPAS PULSO DE TENSÃO (Kick-Start) Aceleração t (s) Desaceleração Permite a aceleração e/ou desaceleração suaves. Na aceleração ajusta-se também a tensão de pedestal. Na desaceleração ajusta-se o degrau inicial de tensão. A desaceleração evitará o Golpe de Ariete em bombas. Reforço de torque (Booster) t (s) Permite um pulso inicial de tensão que aplicado ao motor proporciona um reforço de torque na partida, necessário para a partida de cargas com elevado atrito inicial. PROTEÇÃO SUB/SOBRECORRENTE ECONOMIA DE ENERGIA Corrente Economia t (s) Permite ajustar os limites de subcorrente e sobrecorrente para a completa proteção do motor. A proteção de subcorrente é ideal para aplicação em bombas a fim de evitar o funcionamento à vazio. Tem como função diminuir as perdas no entreferro do motor, proporcionando economia de energia quando operado à vazio ou com pouca carga. t (s) Acionamentos Típicos (Ligação Standard - cabos) Básico / Convencional Inversão de Sentido de Giro Frenagem CC By-Pass Multimotores / Cascata

5 Software de Programação - SUPERDRIVE Software de Programação de Drives Software de programação via microcomputador PC, em ambiente Windows, para parametrização, comando e monitoração das soft-starters SSW- e SSW-. Permite editar parâmetros on-line, diretamente na soft-starter ou editar arquivos de parâmetros off-line, armazenados no microcomputador. É possível armazenar arquivos de parâmetros de todas as soft-starters SSW- e SSW- existentes na instalação. O software também incorpora funções para transferir o conjunto de parâmetros do microcomputador para a soft-starter, como também da soft-starter para o microcomputador. A comunicação entre a soft-starter e o microcomputador é feita via interface serial RS- (ponto a ponto) ou RS-8 para interligação em rede. Redes de Comunicação FieldBus Interligação em Redes Rápidas As soft-staters SSW- e SSW- podem opcionalmente ser interligados em redes de comunicação rápidas FieldBus, através dos protocolos padronizados mais difundidos mundialmente, podendo ser: C L P Profibus DP FIELDBUS DeviceNet Modbus RTU Destinadas principalmente a integrar grandes plantas de automação industrial, as redes de comunicação rápidas conferem elevada performance de atuação e grande flexibilidade operacional, características exigidas em aplicações de sistemas complexos e/ou integrados. As soft-starters SSW- e SSW- podem se interligar as redes de comunicação do tipo FieldBus através de Módulos FieldBus WEG, de acordo com o protocolo desejado. MIW- REDES FIELDBUS MFW- MIW- MIW-... MIW- MFW- MIW- Acessórios e Periféricos MÓDULOS FIELDBUS WEG Unidades para comunicação em redes FieldBus MÓDULOS DE AQUISIÇÃO DE CORRENTE Unidade de aquisição de corrente para uso com sistema de acionamento com By-Pass ProfiBus DP MFW- / PD SSW- (...A) MAC - DeviceNet MFW- / DN SSW- (...8A) MAC - ModBus RTU MFW- / MR SSW- (...8A) MAC - KIT IP P/ SSW- Plus Kit de instalação para SSW- ( cabos) para permitir a utilização de eletrodutos metálicos para a entrada e saída de cabos. Disponíveis para as mecânicas (X) ; ; ; ; ; e. KIT IP / SSW- / MX MÓDULO INTERFACE WEG Interface de comunicação entre a soft-starter SSW- ou SSW-, e a rede FieldBus, com conversão RS- para RS-8. MIW -

6 Tabela de Especificação SSW- da Rede SOFT-STARTER SSW- Inominal (A) Modelo C C (V) MOTOR MÁXIMO APLICÁVEL () Ta=... C () CV kw Ta=... C () CV kw Tamanho /8/ V / / / 8 / / / V / -,, / -,, / - 8 / - 8 / / -,, / - / , / - 8 / / -, 9,, 9, / - / - 8 / - 8 / / - / - 8, / - 8 / - 8 / NOTAS: () As potências indicadas nas tabelas (SSW- e SSW-) são para cargas suaves do tipo bombas centrífugas e compressores, com base em motores WEG de IV pólos - Hz. Para aplicações com cargas pesadas e/ou condições severas, consultar a WEG. O dimensionamento de Soft-Starters é feito com base nos dados da curva de carga, número de partidas/hora e tipo de carga. () Potências máximas de motores para Soft-Starters operando em ambiente com temperatura máxima de C. () Potências máximas de motores para Soft-Starters operando em ambiente com temperatura máxima de C. Dimensões e Pesos L H SÉRIE TAMANHO LARGURA L (mm) H (IP ) ALTURA (mm) H (c/ kit IP ) PROFUNDIDADE P (mm) PESO (kg) SSW- 99 8, 9, P H SSW

7 SSW- da Rede Ex.: / / / 8 / / / V / 8 / V SOFT-STARTER SSW- Modelo Codificação Inominal (A) C C (V) MOTOR MÁXIMO APLICÁVEL () Ligação Standard ( cabos) Ligação Opcional ( cabos) Ta=... C () Ta=... C () Ta=... C () Ta=... C () CV kw CV kw CV kw CV kw / - / - 9 / / - 9 / / / / - 8 / / - 8 / / / / - 8 / - 9 / - 9 / / - 9 / / / / - 8 / - 8 / / / / / / - / - 8 / / - 9 / / / - 8 / - 8 / / / / / / / - 9 / - / - / / / - 9 / - 8 / / / / / / / / / - PL* SSW-./-/ SSW-.9/-/I - PL * Somente para SSW- Plus ** Exceto para SSW- Plus ( e A) Faixa de da Rede de Alimentação { -V -V Þ - V ** de Eletrônica / Ventilação { Þ - V Tamanho Linha Soft-Starter { SSW- SSW- Plus SSW-Þ...8 A Corrrente Nominal da Soft-Starter { SSW-Þ... A

8 Características Técnicas ALIMENTAÇÃO GRAU DE PROTEÇÃO CONTROLE REGIME DE PARTIDA ( Partidas / Hora ) ENTRADAS SAÍDAS COMUNICAÇÃO SEGURANÇA FUNÇÕES / RECURSOS INTERFACE HOMEM MÁQUINA CONDIÇÕES AMBIENTE ACABAMENTO CONFORMIDADES/ NORMAS CERTIFICAÇÕES Frequência Eletrônica / Ventilação Gabinete Metálico Método Tipo de Alimentação CPU Normal Pesado Digitais Analógicas Relé Analógicas Interface Serial Redes FieldBus Proteções Standard ( Padrão ) Opcionais Comando Supervisão ( Leitura ) Temperatura Umidade Altitude Cor Segurança Baixa EMC UL(USA)/UL(Canadá) CE ( Europa ) Modelo - : / / / 8 / / / V ( + %, - % ) Modelo - : / 8 / / V ( + %, - % ) / Hz +/- Hz (... Hz ) Versão : / Vca e Versão : / Vca SSW-: IP ; SSW- Plus: IP (Padrão) ou IP (Opcional com kit) Variação da tensão sobre a carga ( motor ) Fonte chaveada ( SSW- ) ; Fonte linear ( SSW- ) Microcontrolador de Bits % ( x Inom. ) durante s (SSW-) e s (SSW-) % (, x Inom.) durante s (SSW-) e s (SSW-) com redução de % na Inom. Entradas programáveis isoladas ( fotoacopladas ) : Vcc Entrada diferencial programável ( bits):...vcc,...ma ou...ma (Exceto SSW-) Saídas programáveis ( NA ) : V / A Saída ( Reversor = NA + NF ) : V / A Defeitos Saída programável ( 8 bits ) :... Vcc ( Exceto para SSW- ) RS- Unidades p/ comunicação em redes ProfiBus DP, DeviceNet ou ModBus RTU (opcionais) Sobrecorrente imediata na saída ( motor ) Falta de fase na alimentação Subcorrente na saída ( motor ) Falta de fase na saída ( motor ) Sobrecarga na saída ( motor ) I t Falha no tiristor Sobretemperatura nos tiristores / dissipador Erro na CPU ( Watchdog ) Sequência de fase invertida Erro de programação Defeito externo Erro de comunicação serial Interface Homem-Máquina incorporada ( destacável ) Display de LED s segmentos Senha de habilitação de programação Auto-diagnóstico de defeitos Função PUMP CONTROL ( proteção contra Golpe de Ariete em bombas ) Função ECONOMIA DE ENERGIA Relé para função de BY-PASS da soft-starter Inversão de sentido de giro por entrada digital programável ( via contatores externos ) Interface serial RS- inicial ( pedestal ) programável... 9 % da Nominal Rampa de aceleração programável... segundos Rampa de desaceleração programável OFF,... segundos Degrau de tensão na desaceleração programável... % da Nominal Limitação de corrente de partida programável OFF,... % da Corrente Nominal Sobrecorrente imediata programável... % da Corrente Nominal Tempo de sobrecorrente imediata programável OFF,... segundos Subcorrente imediata programável... 9 % da Corrente Nominal Tempo de subcorrente imediata programável OFF,... segundos Pulso de tensão na partida programável Nível :... 9 % da Nominal ( KICK START ) Duração : OFF,,... segundos Frenagem CC ( injeção de corrente contínua ) Nível :... % da Nominal Duração :... segundos Proteção de sobrecarga ( motor ) programável OFF,... % da Corrente Nominal Função JOG ( impulso momentâneo )... % da Nominal Auto-Reset de erros programável OFF,... segundos Auto-Reset da memória térmica programável OFF,... segundos Classe térmica de proteção sobrecarga do motor,,,, e Fator de serviço do motor,8..., nominal de linha da rede programável... V e... V Interface Homem-Máquina Remota ( LED s ) Software de programação via PC Módulo de aquisição de corrente (para SSW-) Kit de montagem IP Filtro EMC (somente para SSW-) Unidades para Redes de Comunicação FieldBus ProfiBus DP DeviceNet ModiBus RTU Adicional MFW - / MR Liga, Desliga / Reset, e Parametrização ( Programação de funções gerais ) Incrementa e Decrementa parâmetros ou seu conteúdo Corrente de saída ( motor ) [ A ] de saída [... % U nom. ] Corrente de saída ( motor ) [ % da I nominal ] Cos j da carga [,...,99 ] Potência ativa fornecida à carga [ kw ] Back-up dos últimos erros Potência aparente fornecida à carga [ kva ] Versão de software da Soft-Starter Estado da proteção térmica [... ] Temperatura dissipador (SSW-) [ C ]... C Condições normais de operação à corrente nominal... C Com redução na corrente/potência de saída (Vide tabela de corrente/potência )... 9 %, sem condensação... m Condições normais de operação à corrente nominal... m Com redução na corrente de saída de % / m acima de m Tampa: cinza claro RAL Gabinete: cinza escuro RAL Norma UL 8 Equipamentos de Controle Industrial Norma EN 9-- ; LVD / / EEC Diretiva de baixa tensão EMC diretiva 89 / / EEC Ambiente industrial ( com filtro adicional para SSW- ) Underwriters Laboratories Inc. USA Certificado pelo ITS UK Revenda IHM-P SUPERDRIVE MAC-X KIT IP RF... -DLC/RF... -M MFW - / PD MFW - / DN Dados sujeitos à alterações sem aviso prévio. WEG AUTOMAÇÃO JARAGUÁ DO SUL - SC - TEL.: () - - FAX () - SÃO PAULO - SP - TEL.: () - - FAX () /8

Motores Energia Automação Tintas. Automação Soft-Starters SSW-03 e SSW-04. zé iria produzir a foto

Motores Energia Automação Tintas. Automação Soft-Starters SSW-03 e SSW-04. zé iria produzir a foto Motores Energia Automação Tintas Automação Soft-Starters SSW-03 e SSW-04 zé iria produzir a foto Soft-Starters Soft-Starters são chaves de partida estática, destinadas à aceleração, desaceleração e proteção

Leia mais

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Automação Soft-Starters SSW07 e SSW08

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Automação Soft-Starters SSW07 e SSW08 Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas Automação SSW07 e SSW08 Soft-starters são chaves de partida estática, projetadas para a aceleração, desaceleração e proteção de motores elétricos

Leia mais

PRINCIPAIS APLICAÇÕES COMPARATIVO ENTRE MÉTODOS DE PARTIDA INTERFACE HOMEM-MÁQUINA HMI-3P

PRINCIPAIS APLICAÇÕES COMPARATIVO ENTRE MÉTODOS DE PARTIDA INTERFACE HOMEM-MÁQUINA HMI-3P Soft-Starters Soft-Starters são chaves de partida estática, destinadas à aceleração, desaceleração e proteção de motores de indução trifásicos. O controle da tensão aplicada ao motor, mediante o ajuste

Leia mais

PRINCIPAIS APLICAÇÕES COMPARATIVO ENTRE MÉTODOS DE PARTIDA INTER ACE HOMEM-MÁQUINA

PRINCIPAIS APLICAÇÕES COMPARATIVO ENTRE MÉTODOS DE PARTIDA INTER ACE HOMEM-MÁQUINA Soft-Starter Soft-Starter Série SSW-06 são chaves de partida estática, destinadas à aceleração, desaceleração e proteção de motores de indução trifásicos. O controle da tensão aplicada ao motor, mediante

Leia mais

SSW-07 Soft-starter. Motores Automação Energia Tintas. g Fácil operação. g Elevado rendimento. g By-pass incorporado. g Proteções incorporadas

SSW-07 Soft-starter. Motores Automação Energia Tintas. g Fácil operação. g Elevado rendimento. g By-pass incorporado. g Proteções incorporadas Motores Automação Energia Tintas Soft-starter g Fácil operação g Elevado rendimento g By-pass incorporado g Proteções incorporadas g Elevado regime de partida g Controle total nas três fases Soft-Starters

Leia mais

Automação Soft-Starters. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas

Automação Soft-Starters. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas Automação Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas SSW - Soft-Starter WEG O atual estado de desenvolvimento dos acionamentos elétricos concentra o resultado de um longo período de tentativas

Leia mais

H6 Acionamento Eletrônico através da Soft-starter. Prof. Dr. Emerson S. Serafim

H6 Acionamento Eletrônico através da Soft-starter. Prof. Dr. Emerson S. Serafim H6 Acionamento Eletrônico através da Soft-starter Prof. Dr. Emerson S. Serafim 1 Introdução São CHAVES DE PARTIDA microprocessadas, totalmente digitais. Projetadas para acelerar/desacelerar e proteger

Leia mais

Aplicações. Calandras Coaters Refinadores de Papel

Aplicações. Calandras Coaters Refinadores de Papel Soft-Starter Soft-Starter Série SSW-06 são chaves de partida estática, destinadas à aceleração, desaceleração e proteção de motores de indução trifásicos. O controle da tensão aplicada ao motor, mediante

Leia mais

SSW-06 Soft-starter. Proteções de tensão Controle de Torque By-pass incorporado Soft PLC incorporado IHM LCD

SSW-06 Soft-starter. Proteções de tensão Controle de Torque By-pass incorporado Soft PLC incorporado IHM LCD SSW-06 Soft-starter Proteções de tensão Controle de Torque By-pass incorporado Soft PLC incorporado IHM LCD SSW-06 Soft-Starter Soft-Starter Série SSW-06 são chaves de partida estática, destinadas à aceleração,

Leia mais

AULA 9 SOFT-STARTER. Prof. Marcio Kimpara

AULA 9 SOFT-STARTER. Prof. Marcio Kimpara 1 COMANDOS INDUSTRIAIS AULA 9 SOFT-STARTER Prof. Marcio Kimpara UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul FAENG Faculdade de Engenharias, Arquitetura e Urbanismo e Geografia 2 Partida com Soft-Starter

Leia mais

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Automação Soft-Starters SSW07 e SSW08

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Automação Soft-Starters SSW07 e SSW08 Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas Automação IPI REDUZIDO Produto beneficiado pela Lei da Informática SSW07 e SSW08 Soft-starters são chaves de partida estática, projetadas para

Leia mais

APW11 Inversor de Frequência Autoportante. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas

APW11 Inversor de Frequência Autoportante. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas APW11 Inversor de Frequência Autoportante Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas APW11 - Inversor de frequência autoportante É uma solução tecnológica e inovadora utilizada no acionamento

Leia mais

SOFT STARTER DE BAIXA TENSÃO TRACCON

SOFT STARTER DE BAIXA TENSÃO TRACCON SOFT STARTER DE BAIXA TENSÃO TRACCON 144 Varixx Soluções Inovadoras em Eletrônica varixx.com.br APLICAÇÕES Partida suave de motores elétricos de indução trifásicos BENEFÍCIOS Fácil e rápida instalação

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA N ODMN-VIT-ET SOFT-START PARA CONTROLE DE PARTIDA E PARADA DE MOTORES DE INDUÇÃO DE BAIXA TENSÃO ABRIL DE 2015

ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA N ODMN-VIT-ET SOFT-START PARA CONTROLE DE PARTIDA E PARADA DE MOTORES DE INDUÇÃO DE BAIXA TENSÃO ABRIL DE 2015 SOFT-START PARA CONTROLE DE PARTIDA E PARADA DE MOTORES DE INDUÇÃO DE BAIXA TENSÃO ABRIL DE 2015 1/6 1 Descrição Soft-starter de baixa tensão trifásico para controle de partida e parada suaves de motor

Leia mais

CFW10 Inversor de Frequência. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas

CFW10 Inversor de Frequência. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas CFW0 Inversor de Frequência Motores Automação Eneria Transmissão & Distribuição Tintas www.we.net CFW0 Inversor de frequência Destinado ao controle e variação da velocidade de motores elétricos de indução

Leia mais

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Automação Soft-Starters SSW07 e SSW08. zé iria produzir a foto

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. Automação Soft-Starters SSW07 e SSW08. zé iria produzir a foto Motores Automação Eneria Transmissão & Distribuição Tintas Automação Soft-Starters e SSW08 zé iria produzir a foto e SSW08 Produto beneficiado pela Lei da Informática. I.P.I REDUZIDO Soft-Starters são

Leia mais

ACIONAMENTO DE MÁQUINAS

ACIONAMENTO DE MÁQUINAS Universidade do Estado de Mato Grosso Campus Sinop Faculdade de Ciências Exatas e Tecnológicas ACIONAMENTO DE MÁQUINAS ROGÉRIO LÚCIO LIMA Sinop Novembro de 2016 São equipamentos eletrônicos destinados

Leia mais

Automação Soft-Starters. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas

Automação Soft-Starters. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas Automação Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas SSW - Soft-Starter WEG O atual estado de desenvolvimento dos acionamentos elétricos concentra o resultado de um longo período de tentativas

Leia mais

Partida e Parada Suave

Partida e Parada Suave SIKOSTART Partida e Parada Suave de Motores Trifásicos Assíncronos Partida Direta I A / I N Característica: Corrente x Rotação M / M N Característica: Torque x Rotação 6 I I = f f (u) (u) 2 M = f f (u

Leia mais

SSW-05 Micro Soft-starter

SSW-05 Micro Soft-starter Motores Automação Energia Tintas Micro Soft-starter g Compacto g Digital - DSP g Fácil operação g Elevado rendimento g By-pass incorporado REPLACE ME BY A PICTURE! Soft-Starters são chaves de partida estática,

Leia mais

Descrição do Produto. As fotos ilustram alguns dos modelos disponíveis:

Descrição do Produto. As fotos ilustram alguns dos modelos disponíveis: Descrição do Produto Os inversores de freqüência da da Altus são extremamente compactos, permitindo ao usuário fácil instalação e integração com a sua aplicação. A abrange potências entre 0,33 até 7,5

Leia mais

INSTRUÇÕES 1 - OBJETIVO: 2 - JUSTIFICATIVA:

INSTRUÇÕES 1 - OBJETIVO: 2 - JUSTIFICATIVA: INSTRUÇÕES PREGÃO Nº / 17 DESO 1 - OBJETIVO: Aquisição de 25 (vinte e cinco) chaves de partida e parada suave (soft starter's) para acionamentos de motores elétricos de indução trifásico, para potências

Leia mais

Simplicidade aliada à competência

Simplicidade aliada à competência Simplicidade aliada à competência Operação simples, fácil instalação e baixo custo SINAMICS G110 Answers for industry. 1 SINAMICS G110 Simples instalação e fácil comissionamento Compacto por fora... Fácil

Leia mais

Benefícios. Redução acentuada dos esforços sobre os acoplamentos e. dispositivos de transmissão (redutores, polias, engrenagens,

Benefícios. Redução acentuada dos esforços sobre os acoplamentos e. dispositivos de transmissão (redutores, polias, engrenagens, Soft-Starter Benefícios Redução acentuada dos esforços sobre os acoplamentos e dispositivos de transmissão (redutores, polias, engrenagens, Soft-Starters são chaves de partida estática, projetadas para

Leia mais

Inversor de Freqüência

Inversor de Freqüência Descrição do Produto A linha de Inversores de Freqüência NXP da Altus atende a grandes aplicações, que necessitam de robustez, desempenho dinâmico, precisão estática e potência. Possui uma vasta gama de

Leia mais

Webinar ABB - Voltimum Softstarter

Webinar ABB - Voltimum Softstarter ABB Produtos Baixa Tensão Seminário online Especificação, Aplicação e Vantagens das Softstarters Soluções e Lançamentos (PSTX) Webinar ABB - Voltimum Softstarter Especificação, Aplicação e Vantagens Por:

Leia mais

Benefícios. Redução acentuada dos esforços sobre os acoplamentos e. dispositivos de transmissão (redutores, polias, engrenagens,

Benefícios. Redução acentuada dos esforços sobre os acoplamentos e. dispositivos de transmissão (redutores, polias, engrenagens, Soft-Starter Benefícios Redução acentuada dos esforços sobre os acoplamentos e dispositivos de transmissão (redutores, polias, engrenagens, Soft-Starters são chaves de partida estática, projetadas para

Leia mais

A representação dos circuitos de comando de motores elétricos é feita normalmente através de dois diagramas:

A representação dos circuitos de comando de motores elétricos é feita normalmente através de dois diagramas: Partidas elétricas e eletrônicas A representação dos circuitos de comando de motores elétricos é feita normalmente através de dois diagramas: Diagrama de força: representa a forma de alimentação do motor

Leia mais

Descrição do Produto. Dados para compra. Itens Integrantes

Descrição do Produto. Dados para compra. Itens Integrantes Descrição do Produto A linha de Inversores de Freqüência NXS da Altus possui uma ampla gama de potências que vão de 1 a 215 CV e tensão de alimentação de 208 a 500 Vca (trifásico), para aplicações denominadas

Leia mais

Soft-Starter Série SSW-06 BENEFÍCIOS Soft-Starters WEG

Soft-Starter Série SSW-06 BENEFÍCIOS Soft-Starters WEG Soft-Starter Soft-Starter Série SSW-06 são chaves de partida estática, destinadas à aceleração, desaceleração e proteção de motores de indução trifásicos. O controle da tensão aplicada ao motor, mediante

Leia mais

SSW05 Plus Micro Soft-Starter. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas

SSW05 Plus Micro Soft-Starter. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas SSW05 Plus Micro Soft-Starter Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas www.weg.net SSW05 Plus - Micro Soft-Starters Soft-starters são chaves de partida estática, projetadas para a aceleração,

Leia mais

SSW06 Soft-Starter. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. g Proteções de tensão. g Controle de torque. g Bypass incorporado

SSW06 Soft-Starter. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas. g Proteções de tensão. g Controle de torque. g Bypass incorporado Motores Automação Eneria Transmissão & Distribuição Tintas SSW06 Soft-Starter Proteções de tensão Controle de torque Bypass incorporado SoftPLC incorporado IHM LCD Start-up orientado www.we.net SSW06 Soft-Starter

Leia mais

Conversores de frequência componentes ABB ACS50, 0,18 a 2,2 kw

Conversores de frequência componentes ABB ACS50, 0,18 a 2,2 kw Conversores de frequência componentes ABB ACS50, 0,18 a 2,2 kw Catálogo técnico PERFIL INDÚSTRIAS PRODUTOS APLICAÇÕES EXPERIÊNCIA PARCEIROS SERVIÇOS Conversores de frequência componentes ABB O que é um

Leia mais

CFW500 Solar Drive. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas

CFW500 Solar Drive. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas CFW500 Solar Drive Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas CONTROLE GARANTIDO Desenvolvido para acionamento de bombas centrífugas e submersas, o CFW500 Solar Drive transforma a energia

Leia mais

Linhas de produtos para aplicações simples e convencionais

Linhas de produtos para aplicações simples e convencionais www.siemens.com.br/produtosconvencionais Linhas de produtos para aplicações simples e convencionais Para clientes que buscam produtos de manutenção simples e levam em consideração o custo sem abrir mão

Leia mais

CFW-08 Inversores de Freqüência

CFW-08 Inversores de Freqüência CFW-08 Inversores de Freqüência CFW-08 Destinados ao controle e variação da velocidade de motores elétricos de indução trifásicos, os inversores da linha CFW-08 reúnem design moderno com tecnologia estado

Leia mais

SISTEMA PARA ESTUDO E TREINAMENTO NO ACIONAMENTO DE MÁQUINAS ELÉTRICAS COM INVERSOR DE FREQUÊNCIA E AQUISIÇÃO DE DADOS

SISTEMA PARA ESTUDO E TREINAMENTO NO ACIONAMENTO DE MÁQUINAS ELÉTRICAS COM INVERSOR DE FREQUÊNCIA E AQUISIÇÃO DE DADOS DLB MAQCA 1893 SISTEMA PARA ESTUDO E TREINAMENTO NO ACIONAMENTO DE MÁQUINAS ELÉTRICAS COM INVERSOR DE FREQUÊNCIA E AQUISIÇÃO DE DADOS Este conjunto didático de equipamentos foi idealizado para possibilitar

Leia mais

Partida de Motores Elétricos de Indução. cap. 7

Partida de Motores Elétricos de Indução. cap. 7 Partida de Motores Elétricos de Indução cap. 7 1 Introdução Corrente de partida da ordem de 6 a 10x o valor da corrente nominal; 2 Influência da Partida de um Motor Consumo de Energia Demanda de Energia

Leia mais

Automação Inversores de Freqüência. Motores Automação Energia Tintas

Automação Inversores de Freqüência. Motores Automação Energia Tintas Automação Motores Automação Energia Tintas www.weg.net Os inversores de freqüência são destinados ao controle e variação de velocidade de motores elétricos de indução trifásicos para aplicações nos mais

Leia mais

Fonte Full Range Vac/Vdc 24 Vdc/ 3A

Fonte Full Range Vac/Vdc 24 Vdc/ 3A Descrição do Produto A fonte de alimentação é uma solução para aplicações de uso geral no que se refere a alimentação de controladores programáveis, sensores e comando de quadro elétricos. Tem duas saídas

Leia mais

CHAVES DE PARTIDA PARA MOTORES TRIFÁSICOS DE INDUÇÃO

CHAVES DE PARTIDA PARA MOTORES TRIFÁSICOS DE INDUÇÃO DIRETORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO DO CURSO DE ELETROTÉCNICA CHAVES DE PARTIDA PARA MOTORES TRIFÁSICOS DE INDUÇÃO Disciplina: Máquinas e Acionamentos Elétricos Prof.: Hélio Henrique PARTIDA DIRETA O motor

Leia mais

Soft starters SIRIUS A proteção inteligente para motores, cargas e rede

Soft starters SIRIUS A proteção inteligente para motores, cargas e rede www.siemens.com.br/softstarters Soft starters SIRIUS A proteção inteligente para motores, cargas e rede Partida Suave de Motores Soft Starters SIRIUS Existem diversas formas de evitarmos problemas elétricos

Leia mais

Inversor Trifásico 1CV e 2CV

Inversor Trifásico 1CV e 2CV Inversor Trifásico 1CV e 2CV Página 1 de 10 Esta linha de inversores de frequência da Neotec tende a unir a versatilidade do seu firmware com o desempenho a um baixo custo. Com isso pode ser inserido em

Leia mais

Experiência 03: Acionamento de Motores Assíncronos Trifásicos e Monofásicos

Experiência 03: Acionamento de Motores Assíncronos Trifásicos e Monofásicos ( ) Prova ( ) Prova Semestral ( ) Exercícios ( ) Prova Modular ( ) Segunda Chamada ( ) Exame Final ( ) Prática de Laboratório ( ) Aproveitamento Extraordinário de Estudos Nota: Disciplina: Turma: Aluno

Leia mais

Fontes de Alimentação

Fontes de Alimentação ProLine Tecnologia de Interface Fontes de Alimentação Fonte de alimentação de 24 Vcc A Tarefa Os transmissores e condicionadores de sinais não alimentados pela malha de medição precisam de alimentação

Leia mais

Transdutor Digital MKM-01

Transdutor Digital MKM-01 [1] Introdução O Transdutor é um instrumento digital microprocessado, para instalação em fundo de painel, que permite a medição de até 33 parâmetros elétricos em sistema de corrente alternada (CA). Para

Leia mais

Relés Temporizadores RTW

Relés Temporizadores RTW Relés Temporizadores RTW 5 Funções de 6 Faixas de, de 0,s a 0min Circuito Eletrônico com elevada precisão e imunidade a ruídos Compacto, com 22,5 mm de largura, montado sobre trilho ou com parafuso Indicação

Leia mais

Equipamentos de comutação eletrônicos e comando do motor

Equipamentos de comutação eletrônicos e comando do motor Contatores reversíveis para semicondutor trifásicos Os contatores reversíveis para semicondutor trifásicos com circuito chaveado e ligação de carga integrados destinam-se a aplicações como componentes

Leia mais

Inversor de Freqüência CFW-08 Wash

Inversor de Freqüência CFW-08 Wash Motores Energia Automação Tintas Inversor de Freqüência CFW-08 Wash Adendo ao Manual do Usuário Idioma: Português Adendo ao Manual do Inversor de Freqüência ÍNDICE 1. Introdução... 4 2. Instalação e Conexão...

Leia mais

Retificadores Tiristorizados Linha CF

Retificadores Tiristorizados Linha CF Retificadores Tiristorizados Linha CF Conceituada como fabricante de Retificadores Chaveados para Telecomunicações com certificados pela ANATEL a mais de 50 anos, a PROTECO traz ao mercado uma nova linha

Leia mais

Fernando ROCHA ABB Brasil Marketing Control 2015 Relé Inteligente UMC100.3 Produtividade e Eficiência para o seu Processo

Fernando ROCHA ABB Brasil Marketing Control 2015 Relé Inteligente UMC100.3 Produtividade e Eficiência para o seu Processo Fernando ROCHA ABB Brasil Marketing Control 2015 Relé Inteligente UMC100.3 Produtividade e Eficiência para o seu Processo Introdução do UMC100.3...produtos adequados para cada aplicação ABB oferece soluções

Leia mais

Soft-Starter. Arrancador Suave. Soft-Starter. Sanftanlaufgerät. Устройство плавного пуска SSW-06

Soft-Starter. Arrancador Suave. Soft-Starter. Sanftanlaufgerät. Устройство плавного пуска SSW-06 Motors Automation Energy Transmission & Distribution Coatings Soft-Starter Arrancador Suave Soft-Starter Sanftanlaufgerät Устройство плавного пуска SSW-06 User's Manual Manual del Usuario Manual do Usuário

Leia mais

ACH550 para AVAC Tabela de preços 2012

ACH550 para AVAC Tabela de preços 2012 Conversores de frequência para AVAC ACH550 para AVAC 3 x 00 V IP 21 3 x 00 V IP 5 Código Preço Drive Código Preço 3 30 37 55 75 90 0 132 160 2, 3,3,1 5, 6,9 8,8,9, 23 31 38 59 72 87 12 7 180 195 26 290

Leia mais

Multimedidor Digital de Painel. Manual do Usuário

Multimedidor Digital de Painel. Manual do Usuário Multimedidor Digital de Painel Manual do Usuário 1. Introdução Este modelo de Multimedidor Digital de Painel JNG permite a medição de vários parâmetros elétricos em um único equipamento para medição, incorporando

Leia mais

Inversores de Frequência Compactos. NOVUS Drive. Criando a Harmonia Perfeita.

Inversores de Frequência Compactos. NOVUS Drive. Criando a Harmonia Perfeita. Inversores de Frequência Compactos NOVUS Drive Criando a Harmonia Perfeita. NOVUS Drive 10 O mais fácil Possível O NOVUS Drive 10 é um inversor de frequência projetado para aplicações em que simplicidade

Leia mais

Guia de escolha Altistart 22

Guia de escolha Altistart 22 Guia de escolha Altistart 22 Arrancador progressivo para motores assíncronos trifásicos 7.5 a 315 kw Características elétricas do comando Fonte alimenta. do circuito de controlo CL1 CL2 220 V -15%...230

Leia mais

Partida de Motores Elétricos de Indução

Partida de Motores Elétricos de Indução Partida de Motores Elétricos de Indução 1 Alta corrente de partida, podendo atingir de 6 a 10 vezes o valor da corrente nominal. NBR 5410/04: a queda de tensão durante a partida de um motor não deve ultrapassar

Leia mais

ATV12HU22M2. Principal. linha de produto Altivar 12. aplicação específica do produto máquina simples. nome do componente

ATV12HU22M2. Principal. linha de produto Altivar 12. aplicação específica do produto máquina simples. nome do componente Folha de informações do produto Caracteristica ATV12HU22M2 Inversor De Frequência 10A 2.2KW/3CV Monofásico 240V Principal linha de produto Altivar 12 tipo de produto ou componente propulsor de velocidade

Leia mais

Composição do servoacionamento

Composição do servoacionamento SERVOACIONAMENTO Composição do servoacionamento O servoacionamento é constituído dos seguintes componentes: Um servomotor, um servoconversor e um transdutor de posição Os Servoacionamentos são utilizados

Leia mais

ATV310HU75N4E. Principal. tipo de produto ou componente. aplicação específica do produto. nome abreviado do dispositivo. número de fases da rede

ATV310HU75N4E. Principal. tipo de produto ou componente. aplicação específica do produto. nome abreviado do dispositivo. número de fases da rede Folha de informações do produto Caracteristica ATV310HU75N4E Inversor De Frequência 17A 7,5KW/10CV Trifásico 380V Principal linha de produto tipo de produto ou componente aplicação específica do produto

Leia mais

ATV310HU15N4E. Principal. tipo de produto ou componente. aplicação específica do produto. nome abreviado do dispositivo. número de fases da rede

ATV310HU15N4E. Principal. tipo de produto ou componente. aplicação específica do produto. nome abreviado do dispositivo. número de fases da rede Folha de informações do produto Caracteristica ATV310HU15N4E Inversor De Frequência 4,1A 1,5KW/2CV Trifásico 380V Principal linha de produto tipo de produto ou componente aplicação específica do produto

Leia mais

Multimedidor Mult-K [1] Introdução Mult-K Foto ilustrativa [2] Princípio de funcionamento [5] Precisão Mult-K

Multimedidor Mult-K [1] Introdução Mult-K Foto ilustrativa [2] Princípio de funcionamento [5] Precisão Mult-K [1] Introdução O Multimedidor Mult-K é um instrumento digital microprocessado, para instalação em porta de painel, que permite a medição de até 44 parâmetros elétricos em sistema de corrente alternada

Leia mais

IECETEC. Acionamentos elétricos AULA 16 SOFT START

IECETEC. Acionamentos elétricos AULA 16 SOFT START AULA 16 SOFT START 1- Introdução Soft-starters são utilizados basicamente para partidas de motores de indução CA (corrente alternada) tipo gaiola, em substituição aos métodos estrela-triângulo, chave compensadora

Leia mais

Fonte Bivolt 24 Vdc / 5 A

Fonte Bivolt 24 Vdc / 5 A Descrição do Produto A fonte de alimentação é uma solução para aplicações de uso geral no que se refere a alimentação de controladores programáveis, sensores e comando de quadro elétricos. Tem uma saída

Leia mais

Disponibiliza a forma de onda em três tensões e corrente, no buffer de comunicação em todas as versões.

Disponibiliza a forma de onda em três tensões e corrente, no buffer de comunicação em todas as versões. Ficha técnica MGE G3 SA Multimedidor Multimedidor para sistemas trifásicos ou monofásicos com medição de mais de 50 variáveis elétricas, memória de massa não volátil, saídas digitais e saídas analógicas.

Leia mais

As melhores soluções para sua Automação. Inversores de Freqüência Soft-Starters Servoacionamentos Controladores Programáveis

As melhores soluções para sua Automação. Inversores de Freqüência Soft-Starters Servoacionamentos Controladores Programáveis As melhores soluções para sua Automação Inversores de Freqüência Soft-Starters Servoacionamentos Controladores Programáveis Disponíveis em nosso site www.weg.com.br Softwares WEG Automação Alguns dos softwares

Leia mais

A Exsto Tecnologia atua no mercado educacional, desenvolvendo kits didáticos para o ensino tecnológico.

A Exsto Tecnologia atua no mercado educacional, desenvolvendo kits didáticos para o ensino tecnológico. A Exsto Tecnologia atua no mercado educacional, desenvolvendo kits didáticos para o ensino tecnológico. Em um mundo digital, a tecnologia evolui de forma rápida e constante. A cada dia novos equipamentos,

Leia mais

SEL-849 RELÉ DE GERENCIAMENTO DE MOTOR

SEL-849 RELÉ DE GERENCIAMENTO DE MOTOR RELÉ DE GERENCIAMENTO DE MOTOR 2 RELÉ DE GERENCIAMENTO DE MOTOR PROTEÇÃO DE MOTOR BASEADA EM CORRENTE, TENSÃO E TÉRMICA; DETECÇÃO DE ARCO ELÉTRICO; E MEDIÇÃO DE POTÊNCIA MÚLTIPLAS APLICAÇÕES O Relé de

Leia mais

Fonte de Alimentação CC de Múltiplas Faixas com 1200 W / 3000 W

Fonte de Alimentação CC de Múltiplas Faixas com 1200 W / 3000 W Especificações Técnicas Fonte de Alimentação CC de Múltiplas Faixas Fonte de Alimentação CC de Múltiplas Faixas com 1200 W / 3000 W Qualquer modelo da pode substituir várias fontes de alimentação em sua

Leia mais

Partida Suave de Motores

Partida Suave de Motores Partida Suave de Motores 27 4 Partida Suave de Motores Objetivos Princípios de funcionamento de uma Chave de Partida Suave; Recursos de uma chave de partida suave - Soft-Starter. Ligação da chave Soft-Starter

Leia mais

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas PFW01. Controlador Automático do Fator de Potência

Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas PFW01. Controlador Automático do Fator de Potência Motores Automação Eneria Transmissão & Distribuição Tintas PFW01 Controlador Automático do Fator de Potência www.we.net Controlador Automático do Fator de Potência O PFW01 é um controlador automático de

Leia mais

18/02/2017. Máquinas CA Característica Corrente - Tempo. Sumário

18/02/2017. Máquinas CA Característica Corrente - Tempo. Sumário PARTIDA DE MOTORES DE INDUÇÃO TRIFÁSICOS Prof. Me. Fábio da Conceição Cruz Sumário 1. Objetivos 2. Partida de motores elétricos 3. Tipos de circuitos 4. Tipos de dispositivos 5. Métodos de partida 1. Conhecer

Leia mais

SSW05 Plus Micro Soft-starter. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas

SSW05 Plus Micro Soft-starter. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas SSW05 Plus Micro Soft-starter Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas www.weg.net SSW05 Plus - Micro Soft-Starters Soft-Starters são chaves de partida estática, projetadas para a aceleração,

Leia mais

MONITOR DE TEMPERATURA DIGITAL MoniTemp ANSI 49. Catálogo Técnico

MONITOR DE TEMPERATURA DIGITAL MoniTemp ANSI 49. Catálogo Técnico Catálogo Técnico Monitor de Temperatura CATÁLOGO TÉCNICO V1.0 ÍNDICE INTRODUÇÃO... 3 PRINCIPAIS CARACTERISTICAS... 3 DADOS TÉCNICOS... 4 ENSAIOS DE TIPO REALIZADOS... 4 DIMENSÕES... 5 DIAGRAMAS DE CONEXÃO...

Leia mais

Medidor TKE-120. [1] Introdução. [2] Princípio de funcionamento. [5] Precisão. [6] Características Elétricas. [3] Aplicações. [4] Grandeza medida

Medidor TKE-120. [1] Introdução. [2] Princípio de funcionamento. [5] Precisão. [6] Características Elétricas. [3] Aplicações. [4] Grandeza medida [1] Introdução O Medidor TKE-120 é um instrumento para instalação em fundo de painel, que permite a medição do consumo de energia ativa (Wh) ou reativa (VArh) em sistemas de corrente alternada (CA). Possui

Leia mais

COORDENAÇÃO ACADÊMICA DE PROCESSOS INDUSTRIAIS PROFESSOR: WILSON MENDES CAVALCANTE APOSTILA DE ACIONAMENTOS ELÉTRICOS MÓDULO 01: CHAVES MAGNÉTICAS

COORDENAÇÃO ACADÊMICA DE PROCESSOS INDUSTRIAIS PROFESSOR: WILSON MENDES CAVALCANTE APOSTILA DE ACIONAMENTOS ELÉTRICOS MÓDULO 01: CHAVES MAGNÉTICAS COORDENAÇÃO ACADÊMICA DE PROCESSOS INDUSTRIAIS PROFESSOR: WILSON MENDES CAVALCANTE APOSTILA DE ACIONAMENTOS ELÉTRICOS MÓDULO 01: CHAVES MAGNÉTICAS SIMBOLOGIA SIMBOLOGIA NOMENCLATURA Contatos principais

Leia mais

Conversores de frequência de baixa tensão. Conversores de frequência componentes ABB ACS55, 0,18 a 2,2 kw / 0,25 a 3 hp Catálogo

Conversores de frequência de baixa tensão. Conversores de frequência componentes ABB ACS55, 0,18 a 2,2 kw / 0,25 a 3 hp Catálogo Conversores de frequência de baixa tensão Conversores de frequência componentes ABB ACS55, 0,18 a 2,2 kw / 0,25 a 3 hp Catálogo Conversores de frequência componente da ABB Conversores componente ABB Os

Leia mais

ETE 30 Transdutor Multigrandezas

ETE 30 Transdutor Multigrandezas ETE 30 Transdutor Multigrandezas Modo de uso Dados Técnicos Conexões elétricas Dimensões Protocolo de comunicação ABB Instrumentação 1 Dados Técnicos Entrada Tensão Corrente Limite do sinal Consumo Freqüência

Leia mais

DATASHEET Encoder Absoluto AC 58 - Profibus

DATASHEET Encoder Absoluto AC 58 - Profibus Diagnóstico por LED Conexão por cabo ou conector M12 Saída de velocidade, aceleração Programável: Resolução, Preset, Direção, Tempo de operação Opcional: Display "tico" Endereço via interface parametrizável

Leia mais

KIT DIDÁTICO DE ELETROTÉCNICA

KIT DIDÁTICO DE ELETROTÉCNICA KIT DIDÁTICO DE ELETROTÉCNICA MODELO: EE0204.EE0003 DESCRIÇÃO O Kit de Eletrotécnica (EE0003) é composto de módulos de placas individuais e removíveis para montagem na Bancada Principal (EE0204), contendo

Leia mais

Automação Inversores de Frequência. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas

Automação Inversores de Frequência. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas utomação Motores utomação Energia Transmissão & Distribuição Tintas São destinados ao controle e variação de velocidade de motores elétricos de indução trifásicos e podem ser utilizados nos mais diversos

Leia mais

UPS. Sys 33 UPS TRIFÁSICA INFINITE POWER. de 10 kva a 300 kva. Aplicações para Missões Críticas

UPS. Sys 33 UPS TRIFÁSICA INFINITE POWER. de 10 kva a 300 kva. Aplicações para Missões Críticas INFINITE POWER Aplicações para Missões Críticas UPS UNIDADE DE ALIMENTAÇÃO ININTERRUPTA Sys 33 UPS TRIFÁSICA de Desenho Retificador IGBT Dupla Conversão Tensão e Frequência Independentes (VFI) Energia

Leia mais

KEOR T. TRIFÁSICO UPS 10 a 120 kva

KEOR T. TRIFÁSICO UPS 10 a 120 kva KEOR T TRIFÁSICO UPS 10 a 120 kva KEOR T UPS TRIFÁSICO KEOR T foi projetado com tecnologia avançada e com componentes de última geração, para garantir um ótimo desempenho, alta eficiência, alta disponibilidade

Leia mais

Disponibiliza a forma de onda em três tensões e corrente, no buffer de comunicação em todas as versões.

Disponibiliza a forma de onda em três tensões e corrente, no buffer de comunicação em todas as versões. Ficha técnica MGE G3 Multimedidor Multimedidor para sistemas trifásicos ou monofásicos com medição de mais de 40 variáveis elétricas, memória de massa não volátil e saídas digitais. Possui três displays

Leia mais

Inversores de Frequência EFC 3610 e EFC 5610

Inversores de Frequência EFC 3610 e EFC 5610 Inversores de Frequência EFC 3610 e EFC 5610 2 Inversores de frequência EFC 3610 e EFC 5610 Usando energia com responsabilidade Os custos de energia em alta e as crescentes demandas para produção consciente

Leia mais

IECETEC. Acionamentos elétricos ANEXO 1 QUESTÕES DE CONCURSO PÚBLICO

IECETEC. Acionamentos elétricos ANEXO 1 QUESTÕES DE CONCURSO PÚBLICO ANEXO 1 QUESTÕES DE CONCURSO PÚBLICO 1- Assinale a alternativa INCORRETA:. a) Chave seccionadora comum é um dispositivo de manobra sem carga (a vazio) utilizada para fins de manutenção apenas. b) Disjuntor

Leia mais

Rele de Fuga a Terra RFTC-1

Rele de Fuga a Terra RFTC-1 [1] Introdução Os Reles de fuga à terra são instrumentos utilizados para auxiliar na proteção de pessoas, painéis e equipamentos em geral. São capazes de identificar presença de fluxo de corrente elétrico

Leia mais

abb Características Ficha técnica IDM G5 Multimedidor Display gráfico de LCD com backlight com gráfico de barras de intensidade de corrente e tensão.

abb Características Ficha técnica IDM G5 Multimedidor Display gráfico de LCD com backlight com gráfico de barras de intensidade de corrente e tensão. Ficha técnica IDM G5 Multimedidor Multimedidor para sistemas trifásicos ou monofásicos com medição de 58 variáveis elétricas. Possui display de LCD com backlight e gráfico de barras de intensidade de corrente

Leia mais

Disponibiliza a forma de onda em três tensões e corrente no buffer de comunicação

Disponibiliza a forma de onda em três tensões e corrente no buffer de comunicação Ficha técnica IDM 144 Multimedidor Multimedidor para sistemas trifásicos ou monofásicos com medição de mais de 40 variáveis elétricas. Possui três displays de LCD alfanuméricos de fácil visualização, interface

Leia mais

Controladores programáveis de motores enrolados em série Modelos 1204M / 1205M / 1209M / 1221M

Controladores programáveis de motores enrolados em série Modelos 1204M / 1205M / 1209M / 1221M Controladores de motores Controladores programáveis de motores enrolados em série Modelos 1204M / 1205M / 1209M / 1221M 1205M www.curtisinstruments.com 1 Os modelos Curtis 1204M/1205M/1209M/1221M fornecem

Leia mais

WMagnet Drive System Sistema de acionamento com motor de ímãs permanentes

WMagnet Drive System Sistema de acionamento com motor de ímãs permanentes Motores Automação Eneria Tintas WManet Drive System Sistema de acionamento com motor de ímãs permanentes Extra alto rendimento Menor peso e volume Maior vida útil Ampla faixa de rotação constante REPLACE

Leia mais

IMAGENS DE EQUIPAMENTOS

IMAGENS DE EQUIPAMENTOS www.ortobras.com.br ÍNDICE 1 2 3 4 5 INTRODUÇÃO IMAGENS DE EQUIPAMENTOS DETALHAMENTO DO MODELO SEM CASA DE MÁQUINAS TABELA DE ESPECIFICAÇÕES ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS 02 03 04 05 06 www.ortobras.com.br INTRODUÇÃO

Leia mais

Motores de Alto Rendimento. - Utilizam chapas magnéticas de aço silício que reduzem as correntes de magnetização;

Motores de Alto Rendimento. - Utilizam chapas magnéticas de aço silício que reduzem as correntes de magnetização; 1 Motores de Alto Rendimento - Utilizam chapas magnéticas de aço silício que reduzem as correntes de magnetização; - Mais cobre nos enrolamentos, diminuindo as perdas por efeito Joule; - Alto fator de

Leia mais

Transmissor de vazão de ar Modelo A2G-25

Transmissor de vazão de ar Modelo A2G-25 Medição eletrônica de pressão Transmissor de vazão de ar Modelo A2G-25 WIKA folha de dados SP 69.04 outras aprovações veja página 5 Aplicações Para medição da vazão de ar de ventiladores radiais Para medição

Leia mais

Unidade Retificadora Chaveada em alta frequência Ventilação Forçada UR 50 A / -48 V / W / Mod. R2K5ES.

Unidade Retificadora Chaveada em alta frequência Ventilação Forçada UR 50 A / -48 V / W / Mod. R2K5ES. BMB Energia Ltda Estrada Maricá Marques, 1055 G.15 (06529-210) Santana de Parnaíba / SP Tel./ Fax. +55.11.4156-1754 www.bmbenergia.com.br Unidade Retificadora Chaveada em alta frequência Ventilação Forçada

Leia mais

Sistema para Controle de Temperatura MLC9000+

Sistema para Controle de Temperatura MLC9000+ Sistema para Controle de Temperatura MLC9000+ Combina nosso compromisso de controle e integração Por que o MLC 9000+? Use o MLC 9000+ como um controlador discreto montado dentro de painel, seja em um sistema

Leia mais

Central Eletrônica CP 1030N

Central Eletrônica CP 1030N Central Eletrônica CP 1030N A placa TOPA TUDO com a qualidade que SÓ A PECCININ TEM. A Central Eletrônica CP 1030N projetada para motores monofásicos 127Vca e 220Vca de até 1/3 cv, é mais um lançamento

Leia mais

Motores de indução trifásicos e dispositivos de acionamento. Motores de indução trifásicos e dispositivos de acionamento

Motores de indução trifásicos e dispositivos de acionamento. Motores de indução trifásicos e dispositivos de acionamento Motores de indução trifásicos e dispositivos de acionamento Motores de indução trifásicos e dispositivos de acionamento - Tipos e características de motores trifásicos; -. Introdução com rotor gaiola de

Leia mais

companhia de saneamento básico do estado de são paulo - sabesp

companhia de saneamento básico do estado de são paulo - sabesp sabesp Área Resp.: Prioridade.: Natureza...: Data da RC.: Inspeção...: Valor da RC...: Data (IO)...: Unid. Req...: Duração...: Objeto: AQUISIÇÃO DE INVERSORES DE FREQUÊNCIA PARA UTILIZAÇÃO NA ESTAÇÃO DE

Leia mais