Multimedidor Mult-K [1] Introdução Mult-K Foto ilustrativa [2] Princípio de funcionamento [5] Precisão Mult-K

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Multimedidor Mult-K [1] Introdução Mult-K Foto ilustrativa [2] Princípio de funcionamento [5] Precisão Mult-K"

Transcrição

1 [1] Introdução O Multimedidor Mult-K é um instrumento digital microprocessado, para instalação em porta de painel, que permite a medição de até 44 parâmetros elétricos em sistema de corrente alternada (CA). As leituras dos parâmetros podem ser feitas localmente (através do conjunto de displays de 7 segmentos) ou remotamente (através da interface serial RS-485 ou saída de pulsos). [2] Princípio de funcionamento [5] Precisão Foto ilustrativa Por meio dos sinais de tensão e corrente do sistema a ser medido (monofásico, bifásico ou trifásico), o Multimedidor Mult-K calcula os parâmetros elétricos, utilizando um conversor A/D interno de alta resolução e com 64 amostras por ciclo. Pode ser aplicado tanto em sistemas de baixa quanto de média ou alta tensão, uma vez que é possível programar a relação do TP (transformador de potencial) ou TC (transformador de corrente) envolvidos na medição. [3] Aplicações Automação de subestações; Automação industrial e predial; Análise de circuitos e equipamentos elétricos; Rateio de custos; Substituição de instrumentos analógicos; Qualquer aplicação envolvendo medição de parâmetros elétricos. [4] Grandezas medidas Medição de até 44 parâmetros elétricos, sendo: Tensão (fase-fase, fase-neutro e trifásica) Freqüência Corrente (por fase e trifásica) Potência ativa (por fase e trifásica) Potência reativa (por fase e trifásica) Potência aparente (por fase e trifásica) Fator de Potência (por fase e trifásico) THD (por fase de tensão e corrente, até a 31ª ordem) Demanda ativa (média e máxima) Demanda aparente (média e máxima) Energia ativa (positiva e negativa) Energia reativa (positiva e negativa) Máximos (Tensão e Corrente) Tensão, corrente, potências: 0,2%* Freqüência: 0,1Hz Fator de potência: 0,5%* Energia: 0,5% THD: <3% * A precisão se refere a fundo de escala (a 25º C, respeitadas as faixas recomendadas para tensão e corrente) [6] Características Elétricas ALIMENTAÇÃO AUXILIAR Nominal: 12*, 24 ou 48Vc.c. / Vc.a. Faixa de utilização: 80 a 120% do valor nominal Fonte TOP: Vc.a. e Vc.c. Consumo interno: <10 VA * Faixa de utilização de 90 a 120% do valor nominal. ENTRADA DE TENSÃO (MEDIÇÃO) Faixa de trabalho: 20 a 500Vc.a. (F-F) Sobrecarga: 1,5 x Vmáx (1s) Freqüência de operação: 44 a 72Hz Consumo interno: < 0,5 VA ENTRADA DE CORRENTE (MEDIÇÃO) Nominal (In): 1Ac.a. ou 5Ac.a. Indicação mínima: 20mA Sobrecarga: Contínua: 1,5 x In (padrão) 2 x In (opcional)* Curta duração (1s): 20 x In Consumo interno: < 0,5 VA *Somente para corrente nominal de 5Ac.a., sobrecarga contínua 2xIn = 2x5A = 10Ac.a. Site: /6

2 [7] Características Mecânicas DISPLAY Tipo: 7 segmentos 3 dígitos x 3 linhas Tamanho: 13,5mm Cor: vermelho (alto brilho) INVÓLUCRO Material: termoplástico (ABS V0) Grau de proteção: IP-40 para painel frontal (IP- 54 opcional) e IP-20 para invólucro (IP-40 opcional) MONTAGEM Tipo: porta de painel (sobrepor) Posição de montagem: qualquer Fixação: travas laterais CONEXÕES ELÉTRICAS Tipo: borne de encaixe rápido Grau de proteção: IP-00 Cabo máximo a ser utilizado: 2,5mm² [8] Condições ambientais relevantes Temperatura de operação: 0 a 60ºC Temperatura de armazenamento e transporte: -25 a 60º C Umidade relativa do ar: máximo de 90% (sem condensação) Coeficiente de temperatura: 50ppm / ºC [9] Interface Serial Tipo: RS-485 a dois fios, protocolo MODBUS-RTU Velocidade: 9600, 19200, ou 57600bps (configurável) Formato de dados: 8N1, 8N2, 8E1, 801 (configurável) Endereço: 1 a 247 (configurável) Protocolo: MODBUS-RTU Codificação das informações: MODBUS-RTU a partir da versão 2.4: Mapeamento FlexData, com ponto flutuante configurável IEEE 754 (32 bits), formatos de leitura em 16 bits (inteiro sinalizado e não sinalizado) e ponto flutuante 24 bits para memória de massa. Cabo: Para a RS-485 deve sempre ser utilizado cabo blindado, com no mínimo duas vias (2x24 AWG), secção mínima de 0,25mm² e impedância característica de 120ohms. [10] Saída de Pulsos (opcional) Tipo: coletor aberto Parâmetros: energia ativa positiva (saída 1) e energia reativa positiva (saída 2) Largura de pulso: 200ms Corrente máxima: 1mA Freqüência máxima: 1Hz [11] Softwares aplicáveis Software para leitura e parametrização: RedeMB ou superior (fornecido gratuitamente pela KRON) Compatível com aplicativos supervisórios, CLPs e concentradores que suportam o protocolo MODBUS-RTU Site: /6

3 [12] Esquemas de Ligação Descrição dos bornes: Borne Descrição Borne Descrição 1 Tensão Vc 11 2 Tensão Vb 12 3 Tensão Va 13 Alimentação auxiliar 4 Neutro 14 Serial: DATA- 5 Corrente Ic 15 Serial DATA+ 6 Corrente Ic 16 Serial: Terra 7 Corrente Ib 17 Pulso Reativo: C 8 Corrente Ib 18 Pulso Reativo: E 9 Corrente Ia 19 Pulso Ativo: C 10 Corrente Ia 20 Pulso Reativo: E Descrição dos bornes referentes à alimentação auxiliar: Alimentação 120/220 Vc.a. Alimentação fonte CC (12/24/48 Vc.c.) Alimentação fonte TOP (85 a 265 Vc.a. / 100 a 375 Vc.c.) 220 Vc.a Vc.a. Respeitar as polaridades Não há polaridade para sinal em corrente contínua. Recomendações Cabo recomendado: secção mínima de 1,5mm² para tensão e alimentação auxiliar. Para o sinal de corrente, o dimensionamento depende da distância e potência dos TCs envolvidos. A alimentação auxiliar (bornes 11, 12 e 13) deve sempre ser feita de acordo com etiqueta afixada no instrumento. Para o caso de utilização de FONTE TOP, deve-se conectar a alimentação aos bornes 11 e 13 respeitando os limites característicos, sem necessidade de observar polarização, seja o sinal de entrada contínuo ou alternado. Site: /6

4 [12] Esquemas de Ligação (continuação) TL-00: Trifásico Estrela (3F + N) TL-01: Bifásico (2F + N) TL-02: Monofásico (1F + N) TL-03: Trifásico Equilibrado (3F + N, com medição de apenas 1 elemento) TL-48: Trifásico Delta (3F) TL-49: Trifásico Delta (3F, com medição de apenas 2 elementos) No caso de uso de transformadores externos estes deverão ser de medição. O uso de TP (transformador de potencial) é dispensável para tensões abaixo de 500 V c.a. (F-F). Nunca deixar o secundário dos TCs em aberto, não use fusíveis ou disjuntores em série com o circuito de corrente e não utilize os TCs com corrente de trabalho acima da permitida. É recomendável a instalação de bloco de aferição. Os aterramentos indicados em pontilhado nos diagramas são recomendáveis em termos de segurança e não interferem diretamente na medição ou precisão do instrumento. Site: /6

5 [13] Dimensional Dimensões em milímetros. Tolerância: ± 1mm VISTA FRONTAL VISTA LATERAL RECORTE DO PAINEL Site: /6

6 [14] Especificação por código A codificação do produto permite a correta especificação em projeto, garantindo que o material comprado seja exatamente o necessário para a aplicação. A identificação é feita por meio de uma seqüência alfanumérica de 11 caracteres: Z Fixo 9 Fixo 7 Fixo 1 5 Grau de proteção: 1: Padrão 2: IP-54 para painel frontal e IP20 para invólucro 3: IP-54 para painel frontal, IP-20 para invólucro + borracha de vedação 4: IP-40 para frontal e IP-40 para invólucro 5: IP-54 para frontal e IP-40 para invólucro 6: IP-54 para frontal, IP-40 para invólucro + borracha de vedação Entrada de tensão: 5: 20 a 500Vc.a. (F-F) Entrada de corrente: 1: 1Ac.a. 5: 5Ac.a. (Imáx = 7,5Ac.a.) 6: 5Ac.a. (Imáx = 10Ac.a. somente terminal olhal) Freqüência: 1: 60Hz 2: 50Hz Saída: 1: RS-485 2: Saída de pulsos 3: RS Saída de pulsos 0: Sem saída Alimentação auxiliar: 1: 120/220Vc.a. 2: Fonte TOP: Vc.a. / Vc.c. 4: 48Vc.c. 5: 24Vc.c. 6: 12Vc.c. Terminação: 0: Padrão 1: Terminal olhal Protocolo / versão especial: 0: MODBUS-RTU 4: Versão E-04 5: Versão E-05 [15] Versões especiais E-04 Velocidade de 4.800bps disponível, porém sem opção de velocidade de bps E-05 IHM (interface homem-máquina) fixa na tela de tensão fase-fase. Demais grandezas somente via software. Sobrecarga Contínua 10 Ac.a. (2 x In) Disponibilizado, mediante especificação em pedido, versão com suporte a sobrecarga contínua de 10 A. Esta versão somente está disponível com conexão para terminal olhal. [16] Normalizações Os produtos da linha Mult-K atendem as seguintes normas: NBR 8145 IEC IEC IEC IEC IEC IEC IEC IEC CISPR 11 Observações relativas à codificação: 1) Os itens assinalados em negrito indicam a opção padrão, que possui maior disponibilidade de estoque; 2) Para alimentação 125Vc.c., considerar o item 2 (fonte TOP). As informações contidas nesta ficha técnica estão sujeitas à alteração sem aviso prévio. Para correta utilização do produto, deve ser consultado o Manual do Usuário antes de sua instalação ou operação. Alguns itens apresentados podem ser opcionais, sendo necessária a correta especificação do produto por meio do código. Site: /6

Medidor TKE-01. [1] Introdução. [2] Princípio de funcionamento. [5] Precisão. [6] Características Elétricas. [3] Aplicações. [4] Grandeza medida

Medidor TKE-01. [1] Introdução. [2] Princípio de funcionamento. [5] Precisão. [6] Características Elétricas. [3] Aplicações. [4] Grandeza medida [1] Introdução O TKE-01 é um instrumento para instalação em fundo de painel, que permite a medição do consumo de energia ativa (Wh) ou reativa (Varh) em sistema de corrente alternada (CA). A leitura do

Leia mais

Multimedidor Portátil MPK

Multimedidor Portátil MPK [1] Introdução O Multimedidor Portátil é um instrumento que facilita a análise de instalações elétricas em campo com alta flexibilidade. A solução é composta de: Multimedidor: Instrumento digital microprocessado,

Leia mais

Medidores de energia e multimedidores digitais

Medidores de energia e multimedidores digitais Medidores de energia e multimedidores digitais Medição de Energia Elétrica Eficiência Energética Rateio de Energia Elétrica, Água e Gás Medição Horosazonal (Ponta e Fora de Ponta) Sistemas de Comunicação

Leia mais

KPF08 e KPF-12. Controladores de Fator de Potência. [1] Introdução. [4] Grandezas medidas. [2] Princípio de funcionamento.

KPF08 e KPF-12. Controladores de Fator de Potência. [1] Introdução. [4] Grandezas medidas. [2] Princípio de funcionamento. [1] Introdução Controladores de fator de potência são instrumentos utilizados para medição e compensação de potência reativa em instalações elétricas. O fator de potência, definido pela razão entre potência

Leia mais

abb Características Ficha técnica IDM 96 Multimedidor Três displays de LED

abb Características Ficha técnica IDM 96 Multimedidor Três displays de LED Ficha técnica IDM 96 Multimedidor Multimedidor para sistemas trifásicos ou monofásicos com medição de 56 variáveis elétricas. Possui medição de harmônicas até a 63ª ordem, THD para corrente e captura de

Leia mais

Qualidade da Energia Elétrica

Qualidade da Energia Elétrica Qualidade da Energia Elétrica Análise de Eficiência e Qualidade da Energia Elétrica Medição e registro de perturbações de tensão Indicadores de qualidade da energia - Prodist ANEEL Integração a sistemas

Leia mais

www.bluemedia.com.br MEDIDORES

www.bluemedia.com.br MEDIDORES www.bluemedia.com.br MEDIDORES Detector de Falhas e Analisador Preditivo - PA A linha PA de Detectores de Falhas e Analisadores Preditivos KRON traz uma nova abordagem para o conceito de monitoramento

Leia mais

Multimedidor de Grandezas Elétricas MD4040

Multimedidor de Grandezas Elétricas MD4040 Multimedidor de Grandezas Elétricas MD4040 MD4040 MD4040/TC Análise de metas e rateio de custos de energia; Leituras instantâneas em amplo display digital; Indicação de tensão de fase e tensão de linha;

Leia mais

Produtos de Baixa Tensão. Medidores

Produtos de Baixa Tensão. Medidores Produtos de Baixa Tensão Medidores Indicadores analógicos e digitais Indicadores analógicos Voltímetros e amperímetros ferro-móvel Amperímetros e voltímetros True RMS para conexão direta ou através de

Leia mais

2. MODELOS DISPONÍVEIS

2. MODELOS DISPONÍVEIS Manual de Serviço Este manual descreve a instalação, o uso e a configuração do Medidor Eletrônico de Insumos (MEI). 1. CARACTERÍSTICAS O Medidor Eletrônico de Insumos (MEI) é um equipamento desenvolvido

Leia mais

MD4040. Multimedidor de Grandezas Elétricas MD4040 MD4040/TC

MD4040. Multimedidor de Grandezas Elétricas MD4040 MD4040/TC Multimedidor de Grandezas Elétricas / Análise de metas e rateio de custos de energia Leituras instantâneas em amplo display digital Indicação de tensão de fase e tensão de linha Comunicação via porta RS485

Leia mais

MMW01 e PFW01 Multimedidor de grandezas elétricas e Controlador automático do fator de potencia

MMW01 e PFW01 Multimedidor de grandezas elétricas e Controlador automático do fator de potencia MMW01 e PFW01 Multimedidor de randezas elétricas e Controlador automático do fator de potencia Motores Automação Eneria Transmissão & Distribuição Tintas www.we.net MMW01 e PFW01 MMW01 - Multimedidor de

Leia mais

Terminal de Operação Cimrex 69

Terminal de Operação Cimrex 69 Descrição do Produto O Cimrex 69 agrega as mais novas tecnologias e a mais completa funcionalidade de terminais de operação. Possui visor de cristal líquido gráfico colorido de 5,7 sensível ao toque (

Leia mais

Módulo 8 Entradas Digitais 24 Vdc Monitorado. Os seguintes produtos devem ser adquiridos separadamente para possibilitar a utilização do produto:

Módulo 8 Entradas Digitais 24 Vdc Monitorado. Os seguintes produtos devem ser adquiridos separadamente para possibilitar a utilização do produto: Descrição do Produto O módulo, integrante da Série Ponto, possui 8 pontos de entrada digital +24 Vdc isolada e monitorada, é indicado para aplicações onde a situação de linha rompida necessita ser detectada

Leia mais

Relé de Proteção do Motor RPM ANSI 37/49/50/77/86/94 CATÁLOGO. ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/5

Relé de Proteção do Motor RPM ANSI 37/49/50/77/86/94 CATÁLOGO. ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/5 CATÁLOGO ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/5 INTRODUÇÃO O Relé de Proteção de Motores RPM foi desenvolvido para supervisionar até 2 (dois) grupos ventiladores/motores simultaneamente, é utilizado

Leia mais

Multimedidores. Manual de uso

Multimedidores. Manual de uso Multimedidores Manual de uso Conexões elétricas Utilização do teclado Software de configuração Protocolo de comunicação Modbus RTU Dados Técnicos Dimensional Indíce 1. Alimentação Auxiliar... 3 2. Esquema

Leia mais

MMGE 144 Medidor Multigrandezas

MMGE 144 Medidor Multigrandezas MMGE 144 Medidor Multigrandezas Modo de uso Dados Técnicos Conexões elétricas Utilização do teclado Protocolo de comunicação Dimensional 1 Dados Técnicos Entrada Tensão Corrente Limite do sinal Consumo

Leia mais

LINHA DOUBLE WAY MONOFÁSICA

LINHA DOUBLE WAY MONOFÁSICA Especificação Técnica LINHA DOUBLE WAY MONOFÁSICA 3 / 6 / 8 / 10 / 12 / 15 / 20 kva Engetron Engenharia Eletrônica Ind. e Com. Ltda Atendimento ao consumidor: (31) 3359-5800 Web: www.engetron.com.br Link:

Leia mais

Eberhardt Comércio e Assist. Técnica. Ltda.

Eberhardt Comércio e Assist. Técnica. Ltda. Rua das Cerejeiras, 80 Ressacada CEP 88307-330 Itajaí SC Indicador Universal Fone/Fax: (47) 3349 6850 Email: vendas@ecr-sc.com.br O indicador microprocessado i506 possui entrada configurável para 24 tipos

Leia mais

PowerSpy Sistema de Monitoramento de Painéis de Distribuição

PowerSpy Sistema de Monitoramento de Painéis de Distribuição PowerSpy Sistema de Monitoramento de Painéis de Distribuição Uma solução completa para a medição e monitoramento de um vasto conjunto de grandezas elétricas, com indicações de valores individuais para

Leia mais

Terminal de Operação Cimrex 12

Terminal de Operação Cimrex 12 Descrição do Produto O terminal de operação Cimrex 12 apresenta excelente desempenho em tamanho compacto. Possui visor de cristal líquido alfanumérico de duas linhas e 20 colunas. O teclado de membrana

Leia mais

Mult-K 05 e Mult-K 120

Mult-K 05 e Mult-K 120 MANUAL DO USUÁRIO Medidores de Energia e Transdutores Digitais de Grandezas Elétricas Mult-K 05 e Mult-K 120 Medição indireta (1A ou 5A) e medição direta (120A) Revisão 4.4 KRON Instrumentos Elétricos

Leia mais

Eberhardt Comércio e Assist. Técnica. Ltda.

Eberhardt Comércio e Assist. Técnica. Ltda. Rua das Cerejeiras, 80 Ressacada CEP 88307-330 Itajaí SC Indicador Universal i304 Fone/Fax: (47) 3349 6850 Email: vendas@ecr-sc.com.br O indicador microprocessado I304 possui opções de entrada configurável

Leia mais

3.1.6 Entradas digitais Quantidade: 8. Tipo: NPN / PNP conforme configuração, dividida em 2 grupos de 4 entradas. Impedância de entrada: 8.8KΩ.

3.1.6 Entradas digitais Quantidade: 8. Tipo: NPN / PNP conforme configuração, dividida em 2 grupos de 4 entradas. Impedância de entrada: 8.8KΩ. 8 Tecla Cancelar. Utilizado para retorno de nível de programação. 9 Tecla Enter. Utilizado para acessar programação. Obs.: Todas as teclas podem ser utilizadas no diagrama Ladder. 3. CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Leia mais

ESTAÇÃO TRANSFERÊNCIA AUTO- MANUAL TM-2500/AM

ESTAÇÃO TRANSFERÊNCIA AUTO- MANUAL TM-2500/AM ESTAÇÃO TRANSFERÊNCIA AUTO- MANUAL TM-2500/AM Introdução Obrigado por ter escolhido nosso ESTAÇÃO TRANSFERÊNCIA AUTO-MANUAL TM- 2500/AM. Para garantir o uso correto e eficiente do TM-2500/AM, leia este

Leia mais

Indicador Digital. Voltímetro Digital BDI

Indicador Digital. Voltímetro Digital BDI Voltímetro Digital BDI Adotado em tecnologia SMT Display a LEDs de alta luminosidade Medição em método RMS Medição até 9999V Medição direta ( F-N e F-F ) índice Medição corrente alternado - BDI-E184V P3

Leia mais

3. CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

3. CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS 3. CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS 3.2 CARACTERÍSTICAS DE SOFTWARE 1. CARACTERÍSTICAS O CLG535R é um controlador programável que integra os principais recursos empregados em uma automação industrial. Dispõe integrado

Leia mais

Monitor de Temperatura M96

Monitor de Temperatura M96 ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/5 INTRODUÇÃO O Monitor de Temperatura M96 foi desenvolvido para supervisionar até 8 (oito) canais de temperatura simultaneamente, ele é utilizado para proteger

Leia mais

UMG 104-Mais do que um simples Multímetro UMG 104

UMG 104-Mais do que um simples Multímetro UMG 104 UMG 104 UMG 104-Mais do que um ples Multímetro O UMG 104 equipado com um DSP de 500 MHz (processador de sinal digital) é um analisador de tensão muito rápido e potente. A varredura contínua dos 8 canais

Leia mais

ANSI - 23 26 45 49 49I 62 74 77 94

ANSI - 23 26 45 49 49I 62 74 77 94 ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/7 INTRODUÇÃO O Monitor de Temperatura MASTERTEMP foi desenvolvido para monitorar a temperatura de óleo e enrolamento, comandar a ventilação e proteger transformadores

Leia mais

Solução para continuidade de serviço em toda e qualquer situação

Solução para continuidade de serviço em toda e qualquer situação Catálogo Técnico Solução para continuidade de serviço em toda e qualquer situação Monitor de isolação 203-02/2006-0 Tudo sob controle Em aplicações, onde a falta de tensão pode causar graves conseqüências

Leia mais

GE Energy Management Industrial Solutions. Analisadores de energia MT Plus. Compacto, Inteligente e Flexível. GE imagination at work

GE Energy Management Industrial Solutions. Analisadores de energia MT Plus. Compacto, Inteligente e Flexível. GE imagination at work GE Energy Management Industrial Solutions Analisadores de energia MT Plus Compacto, Inteligente e Flexível GE imagination at work Analisadores de energia MT Plus Tabela de Parâmetros 5 MTDIN 6 Analisador

Leia mais

LINHA DOUBLE WAY TRIFÁSICO

LINHA DOUBLE WAY TRIFÁSICO Especificação Técnica LINHA DOUBLE WAY TRIFÁSICO 10 / 15 / 20 / 25 / 30 / 40 / 50 / 60 / 80 / 120 / 150 / 160 / 180/ 250kVA Engetron Engenharia Eletrônica Ind. e Com. Ltda Atendimento ao consumidor: (31)

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES Indicador Microprocessado - IT-IND-2S-LC INFORMAÇÕES DO PRODUTO. Versão: 1.xx / Rev. 03

MANUAL DE INSTRUÇÕES Indicador Microprocessado - IT-IND-2S-LC INFORMAÇÕES DO PRODUTO. Versão: 1.xx / Rev. 03 1 Introdução: Os indicadores possuem uma entrada analógica configurável por software, que permite a conexão de diverstos tipos de sensores de temperatura e outras grandezas elétricas sem a necessidade

Leia mais

www.siemens.com.br/instrumentos Power Management Instrumentos Elétricos para Painéis

www.siemens.com.br/instrumentos Power Management Instrumentos Elétricos para Painéis www.siemens.com.br/instrumentos Power Management Instrumentos Elétricos para Painéis SENTRON PAC A família de dispositivos de medição SENTRON PAC pode ser utilizada tanto em indústrias como em instalações

Leia mais

ABB Automação. 13.82kV 119.4kA. 13.81kV 121.3kA. 13.85kV 120.2kA IDR 144 INDICADOR DIGITAL REMOTO MODO DE USO

ABB Automação. 13.82kV 119.4kA. 13.81kV 121.3kA. 13.85kV 120.2kA IDR 144 INDICADOR DIGITAL REMOTO MODO DE USO IDR 144 INDICADOR DIGITAL REMOTO MODO DE USO 13.82kV 119.4kA 13.81kV 121.3kA 13.85kV 120.2kA Dados Técnicos Conexões elétricas Utilização do teclado Protocolo de comunicação Modbus RTU Dimensional ABB

Leia mais

Limites: 0,2VA máx. por entrada (sinais de corrente e tensão), 3 VA máx. na alimentação auxiliar.

Limites: 0,2VA máx. por entrada (sinais de corrente e tensão), 3 VA máx. na alimentação auxiliar. Introdução Analisador de Potência Microprocessado Samrello, com 4 linhas de display led alto brilho que mostram as fases e os parâmetros do sistema ao mesmo tempo. Medição True RMS, proteção de senha,

Leia mais

Monitor de Nível de Óleo para Transformadores - MNO

Monitor de Nível de Óleo para Transformadores - MNO ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/5 INTRODUÇÃO O Monitor de Nível de Óleo para Transformadores e reatores MNO, é um equipamento microprocessado de alta precisão que indica o nível de óleo em escala

Leia mais

Comércio e Manutenção de Produtos Eletrônicos. Mapeamento de memória e conexões do Controlador CP-WS13/8DI8DO2AI2AO/USB/OEM. Versão 1.

Comércio e Manutenção de Produtos Eletrônicos. Mapeamento de memória e conexões do Controlador CP-WS13/8DI8DO2AI2AO/USB/OEM. Versão 1. Comércio e Manutenção de Produtos Eletrônicos Manual CP-WS1 Mapeamento de memória e conexões do Controlador CP-WS13/8DI8DO2AI2AO/USB/OEM PROXSYS Versão 1.4 Setembro -2015 Controlador Industrial CP-WS1

Leia mais

Simplicidade aliada à competência

Simplicidade aliada à competência Simplicidade aliada à competência Operação simples, fácil instalação e baixo custo SINAMICS G110 Answers for industry. 1 SINAMICS G110 Simples instalação e fácil comissionamento Compacto por fora... Fácil

Leia mais

INDICADOR MULTI-PONTOS TM-2100CS

INDICADOR MULTI-PONTOS TM-2100CS INDICADOR MULTI-PONTOS TM-2100CS Introdução Obrigado por ter escolhido nosso INDICADOR MULTI-PONTOS TM-2100CS. Para garantir o uso correto e eficiente do TM-2100CS, leia este manual completo e atentamente

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO Renz Multimedidor MGG-92 ÍNDICE 1.0 INTRODUÇÃO 3 1.1 Aplicação 2.0 CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS 2.1 Mecânicas 2.2 Elétricas 2.3 Grandezas Elétricas medidas e/ou calculadas 3.0

Leia mais

Relés de Proteção Térmica Simotemp

Relés de Proteção Térmica Simotemp Relés de Proteção Térmica Simotemp Confiabilidade e precisão para controle e proteção de transformadores Answers for energy. A temperatura é o principal fator de envelhecimento do transformador Os relés

Leia mais

E M B R A S U L. embrasul.com.br. Multimedidor de Grandezas Elétricas TR4000

E M B R A S U L. embrasul.com.br. Multimedidor de Grandezas Elétricas TR4000 Multimedidor de Grandezas Elétricas TR4000 Medição de grandezas elétricas para sistemas de automação; Monitoramento em tempo real; Comunicação RS485 ou ; Rateio de custos de energia; Análise de metas,

Leia mais

SIMULADOR DE SINAIS DISCRETOS SID-16

SIMULADOR DE SINAIS DISCRETOS SID-16 SIMULADOR DE SINAIS DISCRETOS SID-16 Manual do usuário Série: H Simulador de Sinais Discretos MAN-DE-SID-16 Rev.: 2.00-08 Introdução Obrigado por ter escolhido nosso SID-16. Para garantir o uso correto

Leia mais

Electron do Brasil. Tecnologia ao seu alcance. Tecnologia Digital. www.electrondobrasil.com. Catálogo Monitemp - rev3. Qualidade Comprovada!

Electron do Brasil. Tecnologia ao seu alcance. Tecnologia Digital. www.electrondobrasil.com. Catálogo Monitemp - rev3. Qualidade Comprovada! Electron do Brasil Tecnologia Digital Qualidade Comprovada! Ensaios de Tipo Realizados Tecnologia ao seu alcance Catálogo Monitemp - rev3 Produtos Certificados! www.electrondobrasil.com O Monitor de Temperatura

Leia mais

DAXXO RELÉ PARA CCM INTELIGENTE

DAXXO RELÉ PARA CCM INTELIGENTE DAXXO RELÉ PARA CCM INTELIGENTE Daxxo é um relé eletrônico para gerenciamento e proteção de motores em CCM s inteligentes que oferece um novo conceito em proteção e monitoramento de motores elétricos.

Leia mais

Multimedidor Trifásico e Supervisor de Grandezas Elétricas Mult-K C. Manual do Usuário. Revisão 1.3 Dezembro 2012

Multimedidor Trifásico e Supervisor de Grandezas Elétricas Mult-K C. Manual do Usuário. Revisão 1.3 Dezembro 2012 Multimedidor Trifásico e Supervisor de Grandezas Elétricas Manual do Usuário Revisão 1.3 Dezembro 2012 KRON INSTRUMENTOS ELÉTRICOS LTDA. Rua: Alexandre de Gusmão, 278, São Paulo 11 5525-2000 www.kron.com.br

Leia mais

MGE G3 - Medidor Multigrandezas

MGE G3 - Medidor Multigrandezas MGE G3 - Medidor Multigrandezas Modo de uso Dados Técnicos Conexões elétricas Utilização do teclado Dimensões Protocolo de comunicação Modbus RTU ABB Instrumentação 1 Dados Técnicos Entrada Tensão Corrente

Leia mais

Monitor de Temperatura Digital para transformadores MONITEMP PLUS

Monitor de Temperatura Digital para transformadores MONITEMP PLUS ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/6 INTRODUÇÃO O Monitor de Temperatura MoniTemp Plus foi desenvolvido para monitorar a temperatura de óleo e enrolamento, comandar a ventilação e proteger transformadores

Leia mais

IDM 96 Indicador Digital Multivariáveis

IDM 96 Indicador Digital Multivariáveis IDM 96 Indicador Digital Multivariáveis Modo de uso Dados Técnicos Conexões elétricas Utilização do teclado Protocolo de comunicação Modbus RTU Dimensional ABB Instrumentação 1 Dados Técnicos Entrada Tensão

Leia mais

Portaria Inmetro/Dimel nº 0167, de 30 de setembro de 2014.

Portaria Inmetro/Dimel nº 0167, de 30 de setembro de 2014. Serviço Público Federal MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR INSTITUTO NACIONAL DE METROLOGIA, QUALIDADE E TECNOLOGIA - INMETRO Portaria Inmetro/Dimel nº 0167, de 30 de setembro

Leia mais

INDICADOR DE POSIÇÃO DE TAP DIGITAL - IPTE

INDICADOR DE POSIÇÃO DE TAP DIGITAL - IPTE Catálogo Técnico INDICADOR DE POSIÇÃO DE TAP DIGITAL - IPTE CATÁLOGO TÉCNICO ÍNDICE CATÁLOGO TÉCNICO... 1 INTRODUÇÃO... 2 PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS... 2 DADOS TÉCNICOS... 3 ENSAIOS DE TIPO REALIZADOS...

Leia mais

BIO3000 VERSÃO DO MANUAL

BIO3000 VERSÃO DO MANUAL BIO3000 VERSÃO DO MANUAL 1.0 de 21/02/2012 6434 Sumário 1. Apresentação... 3 2. Especificações Técnicas... 3 3. Características Gerais... 4 4. Visão geral do Equipamento... 4 5. Recomendações de Instalação...

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. Transdutor de Resistência Transdutor de Temperatura W151 / W152. Revisão I

MANUAL DO USUÁRIO. Transdutor de Resistência Transdutor de Temperatura W151 / W152. Revisão I MANUAL DO USUÁRIO Transdutor de Resistência Transdutor de Temperatura W151 / W152 Índice Capítulo Página Introdução 3 Termo de Garantia 3 Características Técnicas 4 Esquemas de Ligação 6 Saída Analógica

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO

MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO MANUAL DE INSTALAÇÃO E OPERAÇÃO Inst. Renz Elétricos www.renz br.com ÍNDICE 1.0 INTRODUÇÃO 3 1.1 Aplicação 2.0 CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS 2.1 Mecânicas 2.2 Elétricas 2.3 Grandezas Elétricas medidas e/ou

Leia mais

100% electricidade. Relés de controle automático para grupo gerador

100% electricidade. Relés de controle automático para grupo gerador 100% electricidade Relés de controle automático para grupo gerador RGAM 10 Relé controle automático para g l Entradas VCA : concessionária L1-L2/N-L3, gerador L1-L2/N l 4 entradas digitais, 5 relés saída.

Leia mais

KEOR T. TRIFÁSICO UPS 10 a 60 kva

KEOR T. TRIFÁSICO UPS 10 a 60 kva KEOR T TRIFÁSICO UPS 10 a 60 kva KEOR T UPS TRIFÁSICO KEOR T foi projetado com tecnologia avançada e com componentes de última geração, para garantir um ótimo desempenho, alta eficiência, alta disponibilidade

Leia mais

UMG 96S-Instrumento de medição universal com montagem embutida UMG 96S

UMG 96S-Instrumento de medição universal com montagem embutida UMG 96S UMG 96S UMG 96S-Instrumento de medição universal com montagem embutida Os instrumentos de medição universal com montagem embutida da família de produto UMG 96S foram principalmente concebidos para utilização

Leia mais

Relé de proteção do diferencial 865

Relé de proteção do diferencial 865 Relé de proteção do diferencial 865 Para a proteção do diferencial de motores, transformadores e geradores Boletim 865, Série A Guia de especificações Sumário Página de descrição da seção 1.0 Características

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES

MANUAL DE INSTRUÇÕES MANUAL DE INSTRUÇÕES TRANSFORMADOR A SECO ÍNDICE DESCRIÇÃO PÁGINA 1 Instruções para a instalação.................................... 02 2 Instruções para a manutenção..................................

Leia mais

PLANILHA DE PROPOSTA

PLANILHA DE PROPOSTA 0001 012186 INVERSOR DE FREQUENCIA 144 AMPERES / 220 VCA Inversor de freqüência para aplicação em motor elétrico trifásico com corrente nominal de serviço 140A, tensão nominal 220V, temperatura de funcionamento

Leia mais

CR20C. Manual do Usuário

CR20C. Manual do Usuário CR20C Manual do Usuário Descrição Geral Controlador para ar condicionado CR20C O CR20C é um controlador digital microprocessado de baixo custo e de fácil programação e instalação. O seu avançado software

Leia mais

HM203 (Protocolo ModBus) INDICADOR / CONTROLADOR

HM203 (Protocolo ModBus) INDICADOR / CONTROLADOR 1/19 HM203 (Protocolo ModBus) INDICADOR / CONTROLADOR Introdução O HM203 é um indicador/controlador que recebe um sinal de 4 a 20 ma, tem uma saída analógica 4 a 20 ma, 4 saídas de relé, e pode ter uma

Leia mais

Indicador Digital Processos MODO DE USO. Dados Técnicos Conexões elétricas Utilização do teclado Dimensional. ABB Automação.

Indicador Digital Processos MODO DE USO. Dados Técnicos Conexões elétricas Utilização do teclado Dimensional. ABB Automação. Indicador Digital Processos MODO DE USO Dados Técnicos Conexões elétricas Utilização do teclado Dimensional ABB Automação Hartmann & Braun Dados Técnicos (NRB5180) Entrada -mvdc: -Vdc -madc Alimentação

Leia mais

SMART CONNECT X835 MANUAL DO USUÁRIO 2014 V1.1

SMART CONNECT X835 MANUAL DO USUÁRIO 2014 V1.1 SMART CONNECT X835 MANUAL DO USUÁRIO 2014 V1.1 Importantes informações de segurança estão contidas na seção de manutenção. Familiarize se com estas informações antes de instalar ou outros procedimentos.

Leia mais

857 Sistema de proteção. Para proteção do motor e do alimentador Boletim 857, Série A Guia de especificação

857 Sistema de proteção. Para proteção do motor e do alimentador Boletim 857, Série A Guia de especificação 857 Sistema de proteção Para proteção do motor e do alimentador Boletim 857, Série A Guia de especificação Sumário Seção Descrição Página 1.0 Funções de proteção... 1 Proteção Synchrocheck (25)... 1 Proteção

Leia mais

HXM 500. Módulo de Expansão Híbrido para as famílias ZAP900/ZAP91X. Apresentação. Diagrama esquemático. Dados Técnicos

HXM 500. Módulo de Expansão Híbrido para as famílias ZAP900/ZAP91X. Apresentação. Diagrama esquemático. Dados Técnicos Módulo de Expansão Híbrido para as famílias ZAP900/ZAP91X Apresentação O módulo HXM500 é uma placa de expansão híbrida desenvolvida para as famílias de controladores ZAP900 e ZAP91X. Disponibiliza 17 pontos

Leia mais

UNIDADE DE SAÍDA ESTENDIDA ÓPTICA ELO.2148/O MANUAL DO USUÁRIO. Junho de 2005. ELO Sistemas Eletrônicos S.A. 5045840068-B

UNIDADE DE SAÍDA ESTENDIDA ÓPTICA ELO.2148/O MANUAL DO USUÁRIO. Junho de 2005. ELO Sistemas Eletrônicos S.A. 5045840068-B UNIDADE DE SAÍDA ESTENDIDA ÓPTICA ELO.2148/O MANUAL DO USUÁRIO Junho de 2005 ELO Sistemas Eletrônicos S.A. 5045840068-B Índice Índice... i Introdução...1-1 Conteúdo Deste Manual...1-1 Onde Obter Mais

Leia mais

Guia Rápido de Instalação

Guia Rápido de Instalação Guia Rápido de Instalação Caro Usuário, Queremos parabenizá-lo por escolher o PlugData MG100T e dar-lhe as boas vindas a um conjunto de facilidades que serão conseguidas com o uso deste equipamento. Apresentação

Leia mais

Monitor de Temperatura MONITEMP

Monitor de Temperatura MONITEMP ELECTRON TECNOLOGIA DIGITAL LTDA Página 1/5 INTRODUÇÃO O Monitor de Temperatura MoniTemp foi desenvolvido para supervisionar até 3 (três) canais de temperatura simultaneamente, ele é utilizado para proteger

Leia mais

LC428. Manual do Usuário

LC428. Manual do Usuário LC428 Manual do Usuário R 1.Descrição Geral: O conversor LC428 possui 8 entradas as quais podem ser projetadas para aceitar sensores tipo PT100, termopar, ou sinais padrão tipo 0 a 10V ou 4 a 20 ma e saída

Leia mais

Micro Controladores Programáveis

Micro Controladores Programáveis Micro Controladores Programáveis Transformando energia em soluções Os Micro Controladores Programáveis linha Clic WEG, caracterizam-se pelo seu tamanho compacto, fácil programação e excelente custo-benefício.

Leia mais

Uma viagem pelas instalações elétricas. Conceitos & aplicações

Uma viagem pelas instalações elétricas. Conceitos & aplicações Uma viagem pelas instalações elétricas. Conceitos & aplicações Workshop Etapa BRASÍLIA CEB CEB 01 UPS 150 kva IGBT/IGBT BASEADO NAS INFORMAÇÕES DO DIAGRAMA UNIFILAR APRESENTADO, DEFINIR: 1 - Corrente nominal

Leia mais

DISTRIBUIDOR DE ALIMENTAÇÃO QDA-10

DISTRIBUIDOR DE ALIMENTAÇÃO QDA-10 DISTRIBUIDOR DE ALIMENTAÇÃO QDA-10 Manual do usuário Distribuidor de Alimentação MAN-DE-QDA10 Rev.: 02.00-08 Introdução Obrigado por ter escolhido nosso QDA-10. Para garantir o uso correto e eficiente

Leia mais

Fontes CC. Principais características. www.supplier.ind.br

Fontes CC. Principais características. www.supplier.ind.br A SUPPLIER Indústria e Comércio de Eletroeletrônicos Ltda é uma empresa constituída com o objetivo de atuar no setor das Indústrias Eletroeletrônicas, principalmente na fabricação de fontes de alimentação

Leia mais

MANUAL CONVERSOR ETHERNET SERIAL

MANUAL CONVERSOR ETHERNET SERIAL MANUAL CONVERSOR ETHERNET SERIAL Versão 1.0 Dezembro 2011 Infinium Automação Industrial Ltda Telefone: (45) 3038-3239 Site: email: contato@infiniumautomacao.com.br 1. APRESENTAÇÃO O equipamento foi projetado

Leia mais

Sistema de Monitoramento e Supervisão de Vibração HYMV05

Sistema de Monitoramento e Supervisão de Vibração HYMV05 Sistema de Monitoramento e Supervisão de Vibração Revisão 1 Mai2005 O é um sistema inteligente de Monitoramento, Aquisição de Dados e Supervisão Local para utilização com os softwares da linha Dynamic.

Leia mais

Dados Técnicos. DADOS DE ENTRADA Fronius Galvo 2.0-5. Potência CC máxima para cos φ=1. Máx. corrente de entrada. Min.

Dados Técnicos. DADOS DE ENTRADA Fronius Galvo 2.0-5. Potência CC máxima para cos φ=1. Máx. corrente de entrada. Min. Dados Técnicos DADOS DE ENTRADA Fronius Galvo 2.0-5 Potência CC máxima para cos φ=1 2,650 W Máx. corrente de entrada 16.6 A Máx. tensão de entrada 24.8 A Faixa de tensão MPP 165 V Min. tensão de entrada

Leia mais

CENTRAIS ELÉTRICAS DE RONDÔNIA S.A. CERON PREGÃO MINISTÉRIO DE MINAS E ENERGIA ANEXO XIII DO EDITAL

CENTRAIS ELÉTRICAS DE RONDÔNIA S.A. CERON PREGÃO MINISTÉRIO DE MINAS E ENERGIA ANEXO XIII DO EDITAL Eletrobrás MINISTÉRIO DE MINAS E ENERGIA ANEXO XIII DO EDITAL Anexo XIII do Pregão Eletrônico n 029/2009 Página 1 de 11 ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA TRANSFORMADORES DE CORRENTE AUXILIARES 0,6 KV USO INTERIOR

Leia mais

Na Placa de Comando estão montados os circuitos para partida direta, partida direta com reversão e partida estrelatriângulo;

Na Placa de Comando estão montados os circuitos para partida direta, partida direta com reversão e partida estrelatriângulo; 1) BANCADA PRINCIPAL MODELO POL-110 Fabricada em estrutura de alumínio, constituída por dois postos de trabalho que servirão de base para utilização de qualquer um dos kits didáticos a serem adquiridos.

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES. Multímetro Digital MM013

MANUAL DE INSTRUÇÕES. Multímetro Digital MM013 MANUAL DE INSTRUÇÕES Multímetro Digital MM013 Obrigado por adquirir um produto ALLECO O GRUPO ALLECO garante a você um produto confiável, produzido com a mais alta tecnologia por uma empresa moderna e

Leia mais

Módulo de Aquisição de Dados e Controle. Catálogo

Módulo de Aquisição de Dados e Controle. Catálogo DM Catálogo Módulo de Aquisição de Dados e Controle O Módulo de Aquisição de Dados e Controle - DM efetua a interface de sistemas digitais com qualquer equipamento analógico ou eletromecânico que não possui

Leia mais

Micro Controladores Programáveis

Micro Controladores Programáveis Micro Controladores Programáveis Transformando energia em soluções Compacto, fácil de programar e com excelente custo benefício, o ganha mais recursos de software e hardware, podendo assim atender a uma

Leia mais

Características e Configuração da Série Ponto

Características e Configuração da Série Ponto Série Ponto A Série Ponto oferece a melhor solução para sistemas de controle distribuído com E/S remotas. Possui uma arquitetura flexível que permite o acesso a módulos remotos via diferentes padrões de

Leia mais

MULTIMETRO DIGITAL Série DMK20 DMK50

MULTIMETRO DIGITAL Série DMK20 DMK50 MULTIMETRO DIGITAL Série DMK20 DMK50 MANUAL TÉCNICO DE INSTALAÇÃO Manual DMK20 DMK50 rev01-04 1 / 1 8/10/2004 1. INTRODUÇÃO Dimensões compactas 96x96 mm 4 displays a LED Simplicidade na instalação e programação

Leia mais

Transdutor de Potência (analógico)

Transdutor de Potência (analógico) Transdutr de Ptência (analógic) Revisã 3.2 21/08/2013 [1] Intrduçã Os transdutres analógics de ptência têm pr finalidade cnverter a ptência ativa e/u reativa de um sistema em um sinal cntínu (de tensã

Leia mais

1. MEDIDORES E ANALISADORES DE QUALIDADE DE ENERGIA JANITZA

1. MEDIDORES E ANALISADORES DE QUALIDADE DE ENERGIA JANITZA Conteúdo 1. MEDIDORES E ANALISADORES DE QUALIDADE DE ENERGIA JANITZA... 2 1.1. UMG 103... 2 1.2. UMG 104... 2 1.3. UMG 96L e UMG 96... 3 1.4. UMG 96S... 3 1.5. UMG 96RM... 4 1.6. UMG 503... 4 1.7. UMG

Leia mais

Série 88970 Controlador Lógico Programável Millenium 3

Série 88970 Controlador Lógico Programável Millenium 3 Gama completa de versões Programação intuitiva Integra a mais completa biblioteca de funções pré-programadas Funções especiais disponíveis Versões expansíveis até 50 E/S, comunicação entre CLP s e intercâmbio

Leia mais

ESPECIFICAÇÃO DE DISTRIBUIÇÃO. Título. Medidor Eletrônico de Energia Elétrica Quatro Quadrantes de Múltiplas Funções Medição Indireta

ESPECIFICAÇÃO DE DISTRIBUIÇÃO. Título. Medidor Eletrônico de Energia Elétrica Quatro Quadrantes de Múltiplas Funções Medição Indireta 1 Usuários: Divisão de Medição e Proteção da Receita, Gerências e Centros Regionais. SUMÁRIO 1. OBJETIVO 2. NORMAS E DOCUMENTOS COMPLEMENTARES 3. DEFINIÇÕES 4. CONDIÇÕES GERAIS 5. CONDIÇÕES ESPECÍFICAS

Leia mais

CST100. Módulo Conformador de Sinais Elétricos. Manual do Produto. AQX Instrumentação Eletrônica S.A.

CST100. Módulo Conformador de Sinais Elétricos. Manual do Produto. AQX Instrumentação Eletrônica S.A. CST100 Módulo Conformador de Sinais Elétricos Manual do Produto Rua Lauro Linhares, 589, Sobreloja, sala 1 - Trindade - Florianópolis - SC - 88036-001 Fone: +55 (48) 2107-2724 / 3333-2770- Fax: +55 (48)

Leia mais

Analisador de Potência Samrello

Analisador de Potência Samrello nalisador de otência Samrello odelo VIS - 80 Introdução nalisador de otência icroprocessado Samrello, com 4 linhas de display led alto brilho que mostram as fases e os parâmetros do sistema ao mesmo tempo.

Leia mais

GDE4000. Gerenciador de Energia

GDE4000. Gerenciador de Energia Gerenciador de Energia Funções avançadas de controle de demanda e fator de potência Seleção de cargas por prioridade e por potências Flexibilidade na programação de demandas sazonais Simulação de fatura

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO. Software de Gerenciamento. Controlador de Fator de Potência. Self Control

MANUAL DO USUÁRIO. Software de Gerenciamento. Controlador de Fator de Potência. Self Control MANUAL DO USUÁRIO Software de Gerenciamento Controlador de Fator de Potência Self Control ÍNDICE 1.0 INTRODUÇÃO 4 1.1 Aplicações 4 2.0 CARACTERÍSTICAS 4 2.1 Compatibilidade 4 3.0 INSTALAÇÃO 4 4.0 INICIALIZAÇÃO

Leia mais

DATA LOGGERS SÉRIE SIMPLE LOGGER II

DATA LOGGERS SÉRIE SIMPLE LOGGER II DATA LOGGERS SÉRIE SIMPLE LOGGER II Modos de programação de registo; Intervalos de registo programáveis; Capacidade de memória para 240.000 medidas; Alimentação por pilhas alcalinas; Ligação a computador

Leia mais

SSW05 Plus Micro Soft-Starter. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas

SSW05 Plus Micro Soft-Starter. Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas SSW05 Plus Micro Soft-Starter Motores Automação Energia Transmissão & Distribuição Tintas www.weg.net SSW05 Plus - Micro Soft-Starters Soft-starters são chaves de partida estática, projetadas para a aceleração,

Leia mais

PCPT 4 ( com 4 entradas para sensores RTD Pt100Ω ) PCPT4 SmA ( com 4 entradas para sensores RTD Pt100Ω e saída 4... 20mA )

PCPT 4 ( com 4 entradas para sensores RTD Pt100Ω ) PCPT4 SmA ( com 4 entradas para sensores RTD Pt100Ω e saída 4... 20mA ) MANUAL DE OPERAÇÃO PCPT 4 ( com 4 entradas para sensores RTD Pt100Ω ) PCPT4 SmA ( com 4 entradas para sensores RTD Pt100Ω e saída 4... 20mA ) VERSÃO 4.04 RELÉ DE PROTEÇÃO TÉRMICA ( ANSI 23/26/49 ) CONTROLE

Leia mais

Permite a acumulação de valores, zeramento e auto calibração. Não perdem os valores acumulados por ocasião das quedas de energia.

Permite a acumulação de valores, zeramento e auto calibração. Não perdem os valores acumulados por ocasião das quedas de energia. Contador Digital de Eventos Série ZCE-S Descrição do Produto Equipamento microprocessado que permite conexão com dispositivos geradores de pulsos (encoders lineares ou rotativos, sensores ópticos, indutivos

Leia mais

Solução Completa em Automação. FieldLogger. Registro e Aquisição de Dados

Solução Completa em Automação. FieldLogger. Registro e Aquisição de Dados Solução Completa em Automação FieldLogger Registro e Aquisição de Dados Ethernet & USB Até 16GB de memória Conversor A/D 24 bits Até 1000 amostras por segundo Apresentação FieldLogger O FieldLogger é um

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 001/2011 SENAI-DR-RN/CTGÁS-ER PROVA DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS. CARGO: INSTRUTOR DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLOGIAS I Nível O

PROCESSO SELETIVO 001/2011 SENAI-DR-RN/CTGÁS-ER PROVA DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS. CARGO: INSTRUTOR DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLOGIAS I Nível O 2 PROCESSO SELETIVO 001/2011 SENAI-DR-RN/CTGÁS-ER PROVA DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS CARGO: INSTRUTOR DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLOGIAS I Nível O CÓDIGO DO CARGO/VAGA: V0013 1) Considere um transformador

Leia mais