Laboratório de Redes

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Laboratório de Redes"

Transcrição

1

2 1 Objetivo O objetivo deste laboratório é explorar os conceitos envolvidos na configuração de múltiplos servidores, bem como ter contato com o sistema operacional Linux, amplamente utilizado para esse fim. Legendas: O ícone indica que existe uma tarefa para ser entregue na aula. O ícone indica que existe uma nota importante sobre este item. O ícone indica um conceito importante. 2 Pré-requisitos Não há pré-requisito. 1 3 Conceitos Abordados Nesta experiência serão abordados os seguintes conceitos: 1 Sistemas operacionais; 2 Linux; 3 Endereçamento IP; 4 DHCP; 5 HTTP; 6 FTP; 7 Compartilhamento de arquivos. 4 Material 10 microcomputadores PC; VMWare server Ubuntu Server 6.06; Browser. 5 Preparação Lendo a teoria e a parte experimental, preencha o Apêndice I seguindo as orientações. A preparação é individual e será avaliada pelo professor no início da aula.

3 6 Teoria Os servidores são elementos que fazem parte da infra-estrutura de rede, sendo responsáveis pelo provimento dos serviços atualmente disponibilizados na Internet e redes corporativas. são programas que recebem requisições e prestam serviços pedidos, normalmente enviando uma resposta ao cliente. Entre os principais serviços disponíveis atualmente, podemos listar: Páginas WEB (estáticas e dinâmicas) HTTP; Transferência de arquivos - FTP; Compartilhamento de arquivos e impressoras SMB; Banco de dados MySQL; Configuração automática de rede em computadores clientes DHCP; Resolução de endereços DNS; Troca de mensagens - SMTP/POP3. 2 Durante esta experiência, serão vistos em mais detalhes os quatro primeiros ítens. Esta configuração de servidores é também conhecida como LAMP (Linux, Apache, MySQL e PHP). 6.1 Páginas Web HTTP Um dos protocolos utilizados para acesso a páginas web é o HTTP (Hyper Text Transfer Protocol). Através da configuração do servidor web, pode-se determinar quais páginas (ou diretórios) devem estar disponíveis para o público em geral e quais devem estar disponíveis para usuários autenticados, qual o método de autenticação desses usuários, por quais nomes (alias) o servidor deve responder etc. Alguns dos servidores utilizados para tornar as páginas web disponíveis e suas plataformas são: Apache Server Linux; Microsoft Internet Information Server Microsoft Windows NT; Microsoft Personal Web Server Microsoft Windows 9x; iplanet Web Server Unix, Solaris, Linux, AIX, HP-UX, Microsoft Windows NT; SerWeJa qualquer plataforma que rode Java. Nesta experiência será utilizado o Apache2, em servidor Linux. 6.2 Transferência de arquivos FTP Um dos protocolos utilizados para transferência de arquivos é o FTP (File Transfer Protocol). Através da configuração do servidor, pode-se determinar quais usuários terão acesso ao serviço, a quais arquivos cada usuário terá quais direitos (leitura, escrita, execução) e outros detalhes. Alguns servidores utilizados para este fim e suas plataformas são: Wu-ftp Linux; proftpd Linux; Ftpd Linux; Microsoft Internet Information Server Microsoft Windows NT; Nesta experiência será utilizado o proftpd, em servidor Linux. 6.3 Páginas Dinâmicas PHP PHP: Hypertext Preprocessor (o acrônimo se originou de Personal Hypertext Preprocessor) é uma das principais linguagens de script para Web que permite o desenvolvimento de páginas dinâmicas, cujo código é embutido nas páginas HTML, mas são executados do lado servidor. Permite o

4 desenvolvimento de aplicações desde as mais simples até aplicações Web comerciais mais sofisticadas sendo que seu suporte é feito por interpretadores Open Source. Nesta experiência será utilizado o php4 para apache Servidor de Banco de Dados MySQL O MySQL é um sistema de gerenciamento de banco de dados, que utiliza a linguagem SQL (Structured Query Language - Linguagem de Consulta Estruturada) como interface. É atualmente um dos bancos de dados mais populares, com mais de 11 milhões de instalações pelo mundo (dados de 2008) sendo adequado para bases de dados de menor porte. 6.5 Compartilhamento de arquivos e impressoras SMB Um dos protocolos utilizados para o compartilhamento de arquivos e impressoras em redes locais é o SMB (Server Message Block). No caso do Linux, o servidor normalmente utilizado é o Samba, que também será utilizado nesta experiência. Através de suas configurações pode-se escolher quais diretórios e quais impressoras serão visíveis a quais usuários e quais as operações permitidas a cada um deles, deixando-os visíveis a máquinas rodando outros sistemas operacionais, como o Windows Linux O Linux é um sistema operacional Unix-like cuja implementação original foi feita por Linus Torvalds em 1991 como evolução do sistema Minix de Andrew Tanenbaum. Os direitos sobre o código fonte do Linux pertencem a Linus Torvalds e outras pessoas que contribuíram com o desenvolvimento, mas o código pode ser distribuído dentro dos termos da licença GNU GPL (General Public License). Sua interface de programação é aderente à interface de programação Posix, padrão definido pelo IEEE e adotado pela ISO, e possui características do System V e BSD. O Linux roda sobre múltiplas plataformas, como PCs 386/486/Pentium, Alpha, Sun, PorwerPC, existindo versões tais como Mosix e Beowulf para uso em sistemas de maior porte com arquitetura de Cluster tais como o que existe no LAHPC (Laboratory of High Performance Computing) coordenado pela professora Líria Matsumoto. Também existe versão móvel com características de tempo real para uso em aplicações embarcadas, telefones celulares, PDA/Smartphones e outros equipamentos na categoria de eletrônica de consumo. Algumas características do Linux são: 1. Multitarefa: vários programas rodando simultaneamente ; 2. Multiusuário: vários usuários usando a mesma máquina ao mesmo tempo; 3. Multiplataforma: Roda em várias plataformas; 4. Multiprocessadores: Roda em uma máquina com mais de um processador; 5. Memória virtual usando paginação; 6. Consoles virtuais múltiplos: o usuário pode fazer login em várias sessões diferentes e independentes, que podem ser alternadas através de teclas de atalho de teclado, o que possibilita a independência em relação ao hardware de vídeo; 7. Suporte a diferentes sistemas de arquivos, incluindo FAT (Windows), Minix (Tanenbaum) e Xenix; 8. Sistema de arquivos próprio, que suporta arquivos de tamanho de até 4TB e nomes com até 255 caracteres; 9. Suporte nativo a redes Instalação O Linux pode ser instalado a partir de arquivos obtidos através de download ou distribuições. Distribuições são instalações personalizadas por empresas ou grupos independentes, como a Debian e RedHat.

5 As empresas normalmente cobram o preço da mídia e da impressão dos manuais, quando são fornecidos. Mesmo vendendo suas customizações, são obrigadas a disponibilizá-las para download no site, sendo o usuário obrigado a pagar por elas somente se necessitar dos manuais e suporte oferecido pelas mesmas. Há diversas empresas que comercializam as distribuições, entre elas: Ubuntu; Fedora; Debian; Mandrake; RedHat; Slackware; Suse; Turbo Linux. Nesta experiência será utilizado a Ubuntu 6.06 Server Esquema de Scripts No Linux, como em muitos sistemas operacionais similares, muitas das atividades de configuração e tarefas repetitivas são executadas através do esquema de scripts. Basta que se crie um arquivo texto com comandos, essencialmente chamada de outros programas ou scripts. Quando se manda executar este arquivo as tarefas listadas são executadas uma a uma até o final do texto. É possível passar parâmetros para comandos chamados durante a execução do script, através da linha de comandos de chamada do mesmo. No texto do script são colocadas algumas seqüências especiais de caracteres que, durante a execução são substituídos pelos parâmetros reais. Boa parte da inicialização do sistema operacional é constituída de scripts, que vão, um a um, ativando os serviços configurados naquela máquina Arquivos de configuração Boa parte dos serviços apresenta arquivos de configuração. Estes arquivos contém informações necessárias para determinar o modo de funcionamento de cada um destes serviços. Quando um script de inicialização de um serviço é executado, as informações armazenadas nestes arquivos são consultadas, determinando uma série de características do serviço. No Linux, estes arquivos de configuração costumam ser encontrados em um diretório chamado /etc Sistema de arquivos A estrutura de diretórios no Linux está organizada em uma grande árvore estruturada hierarquicamente. Esta árvore tem um único diretório no topo, chamado de diretório raiz cujo nome simbólico é /. Dentro do diretório raiz há outros diretórios padrão e arquivos com propósitos diferentes. O diretório raiz / contém subdiretórios como dev, bin, etc, home... /bin /dev /etc /home /sbin /usr/man /usr/src/linux Exemplos de diretórios padrão Comandos binários executáveis Arquivos especiais de acesso a dispositivos Arquivos de configuração e administração do sistema Diretório base para diretórios de usuários Comandos de administração do sistema Páginas de manuais on-line do sistema Arquivos fonte do núcleo do Linux Tabela 1 - Exemplo de diretórios no Linux

6 Uma diferença prática muito importante entre o Linux e o Windows/DOS é que o caractere separador de diretórios no Linux é /, e não \ Daemons Os servidores que serão utilizados durante a experiência são também conhecidos como daemons, o que significa que eles são executados em background, ou seja, o terminal não é exclusivamente usado pelo programa. Quando uma aplicação usa o terminal exclusivamente para si, costuma-se dizer que esta aplicação está sendo executada em foreground Pacotes Nos sistemas Operacionais baseados em Unix, o pacote é um artefato onde estão encapsulados diversos arquivos (bibliotecas, manuais, scripts, executáveis, etc) necessários para utilização de um determinado programa. O APT (Advanced Packaging Tool) é um gerenciador de pacotes utilizado pelos sistemas Debian e seus derivados. O APT simplifica o processo de gerenciamento de software em sistemas Unix, automatizando a obtenção, configuração e instalação dos pacotes de programas. O APT utiliza o conceito de repositórios para achar e resolver dependências de software. Um repositório é um diretório contendo pacotes descritos num arquivo de listagem. O projeto Debian possui um repositório contendo mais de softwares prontos para download e instalação. Para pacotes extras, repositórios extras podem ser adicionados no arquivo de configuração sources.list do APT Comandos A seguir, serão descritos alguns comandos básicos (e úteis) para esta experiência. Normalmente, para uma referência do uso dos comandos, pode-se utilizar o parâmetro h, -help ou help. ls help Para uma descrição mais detalhada do uso de um comando, normalmente pode-se encontrar páginas de manuais através do comando: man comando. ls Este comando lista todos os arquivos armazenados dentro de um diretório. Um parâmetro que oferece uma lista mais detalhada é la. ls ls la /etc cd Este comando troca o diretório atual. cd / cd.. cd /etc // vai para o diretório raiz // vai para o diretório pai // vai para o diretório etc dentro do diretório raiz find Este comando localiza arquivos com base em alguns parâmetros de pesquisa. Um parâmetro para busca de arquivos pelo nome é name. find name nome_do_arquivo pico Este programa é um editor de arquivos bastante útil e fácil de usar.

7 pico nome_do_arquivo cp Usando este comando, pode-se copiar arquivos. cp arquivo_origem arquivo_destino cp /tmp/arquivo /home/joao/relatorio mv Usando este comando, pode-se mover arquivos. mv arquivo_origem arquivo_destino mv /tmp/arquivo /home/joao/ // Move no mesmo diretório, tem o efeito // de renomear 6 rm Usando este comando, pode-se apagar arquivos. rm arquivo // Apaga o arquivo arquivo mkdir Cria um novo diretório mkdir /home/maria // Cria um diretório maria dentro do diretório /home rmdir Remove um diretório vazio rmdir /home/maria // Remve o diretório maria dentro do diretório /home mount Monta um sistema de arquivos em um diretório destino. mount /dev/fd0 /mnt/floppy // Monta o primeiro disquete no diretório // /mnt/flopy ifconfig Usado para atribuir um endereço para uma interface e/ou configurar parâmetros desta. Além disso, ele é utilizado para mostrar a configuração corrente das interfaces de rede e se uma interface é especificada, emitirá um relatório somente dos detalhes daquela interface. Somente o Super-usuário pode modificar a configuração de uma interface de rede. ifconfig eth0 // Mostra a configuração corrente da interface eth0

8 7 Procedimento Experimental Todos os procedimentos deverão ser preenchidos no Apêndice II. 7.1 Duração do Experimento Este experimento terá duração de 3 horas. Apenas parte da solução é descrita nas etapas!!!! É necessário pesquisa e raciocínio para concluir etapas. 7.2 Apresentação da Topologia Experimental Será utilizado um computador com S.O. Windows XP hospedando uma máquina virtual com Ubuntu Linux Server onde serão instalados e configurados servidores http, ftp, samba e MySQL. O Sindows será o cliente dos serviços oferecidos pelo Servidor Linux, e assim será possível verificar se os procedimentos foram realizados corretamente Atividades Utilizando o VMware server console, inicie e acesse a máquina virtual rodando Linux. Em seguida faça logon utilizando o usuário notroot no servidor Linux e a senha divulgada no início da aula. Para sair da janela do VNware server console, digite CTL+ALT Em muitos casos, nesta experiência será necessária a execução de comandos com privilégio de administrador do sistema. Para isso, devemos utilizar o comando sudo antes do comando que necessita de tal privilégio. Ex. sudo apt-get Instalação do servidor web Para instalação do apache utilizaremos um pacote pré-compilado pela Ubuntu. Este pacote deve ser instalado utilizando o comando apt-get, como descrito anteriormente. $ sudo apt-get install apache2 O comando apt-get baseia-se nos repositórios descritos no arquivo /etc/sources.list Após a instalação, utilizando o browser da sua máquina acesse O servidor web apache2, pode ser configurado modificando os arquivos contidos em /etc/apache2, isto será necessário para a criação de virtual hosts no final da experiência. Caso haja alguma alteração nos arquivos de configuração, não se esqueça de reinicializar o serviço web com o comando: $ sudo /etc/init.d/apache2 restart Instalação do servidor FTP Para instalação do proftpd utilizaremos um pacote pré-compilado para Ubuntu.

9 $ sudo apt-get install proftpd Quando for solicitado, escolha a opção standalone. Configure o proftpd para aceitar conexão de usuário anonymous no diretório /var/ftp, onde o mesmo usuário deve ser capaz de criar sub diretórios. Para testar, abra um gerenciador de arquivos (ex. Windows Explorer), e na barra de endereço acesse ftp://ip_do_servidor. Além de conseguir o acesso como usuário anonymous, você deve criar um sub diretório na pasta padrão. Para reinicializar o serviço, digite o seguinte comando: $ /etc/init.d/proftpd restart Instalação do PHP Instale o pacote php4, crie um arquivo chamado index.php com o conteúdo abaixo no diretório /var/www: <?php phpinfo();?> Para verificar o funcionamento, acesse através do seu browser o arquivo criado Instalação do servidor de Banco de Dados MySQL Instale o pacote mysql-server, o MySQL não possui password de root inicialmente, você deverá criar um. Para isso, utilize o comando: $ mysqladmin u root password NOVO_PASSWORD É necessário a reinicialização do MySQL Para verificar o funcionamento do Servidor de Banco de dados, utilizaremos um cliente web para acessar o banco de dados. dados) $ sudo apt-get install libapache2-mod-auth-mysql (ativa modulo de autorização do banco de $ sudo apt-get install php4-mysql (pacote para integração do php4 e MySQL) $ sudo apt-get install phpmyadmin (interface web para MySQL) Para o PHP funcionar com o MySQL, abra o arquivo /etc/php4/apache2/php.ini e habilite a linha que possui extension=mysql.so e reinicie o apache2. Acesse através do browser a página phpmyadmin e crie uma tabela Instalação do SAMBA Serão usados os pacotes samba, smbfs e smbclient, também integrante da distribuição Ubuntu Após a instalação, crie uma pasta com o nome shared no servidor (p.ex. /var/shared) com permissão total. Para modificar permissões de arquivos e pastas devemos utilizar o comando chmod. Edite o arquivo de configuração do samba para todos terem acesso à sua pasta recém criada. Ache a linha ; security = user e troque por

10 security = share No final do arquivo adicione as seguintes linhas modificando-as para sua aplicação: [public] comment = Pasta Publica path = /DIRETORIO_CRIADO public = yes writable = yes create mask = 0777 directory mask = 0777 force user = nobody force group = nogroup Para testar, abra o Windows Explorer, e na barra de endereço acesse \\IP_do_servidor. Entre na pasta compartilhada e tente criar diretórios e arquivos Virtual Hosts Muitos servidores web contêm mais de um domínio, por exemplo, servidores de hospedagem web contêm centenas de páginas web, mas o servidor utiliza apenas um IP. Nesta etapa, configure o apache para acessar duas pastas diferentes através de duas URLs. Para isso: 9 Crie duas pastas /var/www/site1 e /var/www/site2; Crie em cada pasta um arquivo chamado index.html com conteúdo diferente; Acesse o arquivo hosts do Windows e faça as alterações necessárias; Crie 2 Virtual Hosts no apache e configure para que respondam as URLs site1 e site2. Crie os arquivos correspondentes aos 2 virtual hosts no diretório /etc/apache2/sites-enabled. Se necessário, faça ajustes para que o site default continue funcionando.

11 8 Relatório Como documento de relatório desta experiência, deve ser entregue o Apêndice II, que será disponibilizado na aula. 9 Referências Linux A-Z. Prentice Hall Cornes, Phil. SAMBA UNIX & NT Internetworking. McGraw Hill Deroest, James W. UNIX System Administrator Handbook. Prentice Hall PTR Nemeth, Evi; Snyder, Garth; Seebass, Scott e Hein, Trent R. 10 Ubuntu Linux

12 10 Apêndices Apêndice I Preparação Aluno: NUSP: Servidor Linux Como os programas são distribuídos no Ubuntu Linux? Quais as vantagens de se utilizar tal solução? 11 O que são os chamados servidores LAMP. Cite algumas aplicações para este tipo de servidor. Para configurar o servidor web, deve-se localizar o arquivo httpd.conf ou apache2.conf. Qual a linha de comando a ser usada para isto? O que são páginas dinâmicas? Qual a sua importância? Por que é necessário um banco de dados vinculado a páginas dinâmicas? Como isto acontece.

13 Para que serve o servidor SAMBA? Em que contexto ele é utilizado? Procure o arquivo hosts no seu sistema operacional. Qual sua funcionalidade? 12

Você pode testar se está tudo OK, abrindo um navegador no Debian Linux e acessando qualquer site.

Você pode testar se está tudo OK, abrindo um navegador no Debian Linux e acessando qualquer site. Você pode testar se está tudo OK, abrindo um navegador no Debian Linux e acessando qualquer site. Foi necessário configurar esse segundo adaptador, porque talvez seja necessário fazer o download de alguma

Leia mais

SOFTWARE LIVRE. Distribuições Live CD. Kernel. Distribuição Linux

SOFTWARE LIVRE. Distribuições Live CD. Kernel. Distribuição Linux SOFTWARE LIVRE A liberdade de executar o programa, para qualquer propósito. A liberdade de estudar como o programa funciona, e adaptá-lo para as suas necessidades. Acesso ao código-fonte é um pré-requisito

Leia mais

Sistema Operacional LINUX

Sistema Operacional LINUX SISTEMA OPERACIONAL Sistema Operacional LINUX Para que o computador funcione e possibilite a execução de programas é necessária a existência de um sistema operacional. O sistema operacional é uma camada

Leia mais

Introdução ao Linux: Parte I

Introdução ao Linux: Parte I Data: Introdução ao Linux: Parte I Marcelo Ribeiro Xavier da Silva marceloo@inf.ufsc.br Histórico 3 Origem do GNU Linux Em 1983, Richard Stallman fundou a Free Software Foundation, com o intuito de criar

Leia mais

ENDEREÇOS DE REDE PRIVADOS. 10.0.0.0 até 10.255.255.255 172.16.0.0 até 172.31.255.255 192.168.0.0 até 192.168.255.255. Kernel

ENDEREÇOS DE REDE PRIVADOS. 10.0.0.0 até 10.255.255.255 172.16.0.0 até 172.31.255.255 192.168.0.0 até 192.168.255.255. Kernel ENDEREÇOS DE REDE PRIVADOS Foram reservados intervalos de endereços IP para serem utilizados exclusivamente em redes privadas, como é o caso das redes locais e Intranets. Esses endereços não devem ser

Leia mais

Roteiro 3: Sistemas Linux arquivos e diretórios

Roteiro 3: Sistemas Linux arquivos e diretórios Roteiro 3: Sistemas Linux arquivos e diretórios Objetivos Detalhar conceitos sobre o sistema operacional Linux; Operar comandos básicos de sistemas Linux em modo Texto; Realizar a manutenção de arquivos

Leia mais

Introdução ao Sistema. Características

Introdução ao Sistema. Características Introdução ao Sistema O sistema Provinha Brasil foi desenvolvido com o intuito de cadastrar as resposta da avaliação que é sugerida pelo MEC e que possui o mesmo nome do sistema. Após a digitação, os dados

Leia mais

Instalando um pacote LAMP (Linux, Apache, MySQL, PHP) no Mandriva

Instalando um pacote LAMP (Linux, Apache, MySQL, PHP) no Mandriva Instalando um pacote LAMP (Linux, Apache, MySQL, PHP) no Mandriva 1 Como instalar programas em Linux Para que possamos inicar o processo de instalação, precisamos configurar o gerenciador de pacotes do

Leia mais

O que um Servidor Samba faz?

O que um Servidor Samba faz? O que é o Samba? O Samba é um "software servidor" para Linux (e outros sistemas baseados em Unix) que permite o gerenciamento e compartilhamento de recursos em redes formadas por computadores com o Windows

Leia mais

Software Livre. Acesso ao código fonte Alterar o código fonte Redistribuir Utilizar como desejar

Software Livre. Acesso ao código fonte Alterar o código fonte Redistribuir Utilizar como desejar Software Livre Acesso ao código fonte Alterar o código fonte Redistribuir Utilizar como desejar Linux Licença GPL (Licença Pública Geral) Linux Licença GPL (Licença Pública Geral) - A liberdade de executar

Leia mais

LINUX. Lapro I Profa. Fernanda Denardin Walker. - Aula 2 - Material adaptado de: Isabel Mansour, Marcia Moraes e Silvia Moraes SISTEMA OPERACIONAL

LINUX. Lapro I Profa. Fernanda Denardin Walker. - Aula 2 - Material adaptado de: Isabel Mansour, Marcia Moraes e Silvia Moraes SISTEMA OPERACIONAL LINUX Lapro I Profa. Fernanda Denardin Walker - Aula 2 - Material adaptado de: Isabel Mansour, Marcia Moraes e Silvia Moraes SISTEMA OPERACIONAL Para que o computador funcione e possibilite a execução

Leia mais

Partição Partição primária: Partição estendida: Discos básicos e dinâmicos

Partição Partição primária: Partição estendida: Discos básicos e dinâmicos Partição Parte de um disco físico que funciona como se fosse um disco fisicamente separado. Depois de criar uma partição, você deve formatá-la e atribuir-lhe uma letra de unidade antes de armazenar dados

Leia mais

Sistema Operacional Unidade 13 Servidor Samba. QI ESCOLAS E FACULDADES Curso Técnico em Informática

Sistema Operacional Unidade 13 Servidor Samba. QI ESCOLAS E FACULDADES Curso Técnico em Informática Sistema Operacional Unidade 13 Servidor Samba Curso Técnico em Informática SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 INSTALANDO O SAMBA... 3 Verificando a versão... 3 Criando uma cópia do servidor samba original... 3 COMPARTILHAMENTOS

Leia mais

Linux - Servidor de Redes

Linux - Servidor de Redes Linux - Servidor de Redes Servidor Web Apache Prof. Roberto Amaral WWW Breve histórico Início 1989 CERN (Centro Europeu de Pesquisas Nucleares) precisava de um meio de viabilizar o trabalho cooperativo

Leia mais

Manual. Configuração do. Samba. Compartilhamento e Servidor Samba Linux. Produzido por: Sergio Graças Desenvolvedor do Projeto GNU/Linux VRlivre

Manual. Configuração do. Samba. Compartilhamento e Servidor Samba Linux. Produzido por: Sergio Graças Desenvolvedor do Projeto GNU/Linux VRlivre Manual Configuração do Samba Compartilhamento e Servidor Samba Linux Produzido por: Sergio Graças Desenvolvedor do Projeto GNU/Linux VRlivre Manual Configuração do Samba Compartilhamento e Servidor Samba

Leia mais

5/7/2010. Apresentação. Introdução. Ponto de vista do usuário. Curso Tecnologia em Telemática. Disciplina Administração de Sistemas Linux

5/7/2010. Apresentação. Introdução. Ponto de vista do usuário. Curso Tecnologia em Telemática. Disciplina Administração de Sistemas Linux Apresentação Servidor Web Administração de Sistemas Curso Tecnologia em Telemática Disciplina Administração de Sistemas Linux Professor: Anderson Costa anderson@ifpb.edu.br Assunto da aula Servidor Web

Leia mais

I N F O R M Á T I C A. Sistemas Operacionais Prof. Dr. Rogério Vargas Campus Itaqui-RS

I N F O R M Á T I C A. Sistemas Operacionais Prof. Dr. Rogério Vargas Campus Itaqui-RS I N F O R M Á T I C A Sistemas Operacionais Campus Itaqui-RS Sistemas Operacionais É o software que gerencia o computador! Entre suas funções temos: inicializa o hardware do computador fornece rotinas

Leia mais

Tutorial Instalação e configuração do Wordpress

Tutorial Instalação e configuração do Wordpress Universidade Federal do Ceará Campus Quixadá Curso Superior de Tecnologia em Redes de Computadores Administração de Sistemas Operacionais Linux Professor: João Marcelo Tutorial Instalação e configuração

Leia mais

Aula 02. Introdução ao Linux

Aula 02. Introdução ao Linux Aula 02 Introdução ao Linux Arquivos Central de Programas do Ubuntu A Central de Programas do Ubuntu é uma loja de aplicativos integrada ao sistema que permite-lhe instalar e desinstalar programas com

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores LAMP Gustavo Reis gustavo.reis@ifsudestemg.edu.br Acrônico para a combinação de Linux, Apache, MySQL e PHP ou Perl ou Python; Recentemente a letra P começou a fazer referência a Perl

Leia mais

INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial

INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial INSTALAÇÃO PRINTERTUX Tutorial 2 1. O Sistema PrinterTux O Printertux é um sistema para gerenciamento e controle de impressões. O Produto consiste em uma interface web onde o administrador efetua o cadastro

Leia mais

Tahuti 2.1 A ferramenta de gerenciamento de TI. Manual de Instalação. Belo Horizonte, 06 de novembro de 2015.

Tahuti 2.1 A ferramenta de gerenciamento de TI. Manual de Instalação. Belo Horizonte, 06 de novembro de 2015. Tahuti 2.1 A ferramenta de gerenciamento de TI Manual de Instalação Belo Horizonte, 06 de novembro de 2015. Índice 1. Pré-requisitos 01 2. Instalando e Configurando o Sistema 02 3. Particularidades no

Leia mais

Julgue os itens a seguir referentes a conceitos de software livre e licenças de uso, distribuição e modificação.

Julgue os itens a seguir referentes a conceitos de software livre e licenças de uso, distribuição e modificação. Julgue os itens a seguir referentes a conceitos de software livre e licenças de uso, distribuição e modificação. 1.Todo software livre deve ser desenvolvido para uso por pessoa física em ambiente com sistema

Leia mais

Projeto e Instalação de Servidores Introdução a Servidores

Projeto e Instalação de Servidores Introdução a Servidores Projeto e Instalação de Servidores Introdução a Servidores Prof.: Roberto Franciscatto Introdução Perguntas iniciais O que você precisa colocar para funcionar? Entender a necessidade Tens servidor específico

Leia mais

Prof. Samuel Henrique Bucke Brito

Prof. Samuel Henrique Bucke Brito Sistema Operacional Linux > Servidor de Arquivos (NFS) www.labcisco.com.br ::: shbbrito@labcisco.com.br Prof. Samuel Henrique Bucke Brito Introdução ao NFS O NFS (Network File System) é um sistema de arquivos

Leia mais

Tutorial para Instalação do Ubuntu Server 10.04

Tutorial para Instalação do Ubuntu Server 10.04 Tutorial para Instalação do Ubuntu Server 10.04 Autor: Alexandre F. Ultrago E-mail: ultrago@hotmail.com 1 Infraestrutura da rede Instalação Ativando o usuário root Instalação do Webmin Acessando o Webmin

Leia mais

Manual. Configuração do. Samba. Compartilhamento e Servidor Samba Linux. Produzido por: Sergio Graças Desenvolvedor do Projeto GNU/Linux VRlivre

Manual. Configuração do. Samba. Compartilhamento e Servidor Samba Linux. Produzido por: Sergio Graças Desenvolvedor do Projeto GNU/Linux VRlivre Manual Configuração do Samba Compartilhamento e Servidor Samba Linux Produzido por: Sergio Graças Desenvolvedor do Projeto GNU/Linux VRlivre Manual Configuração do Samba Compartilhamento e Servidor Samba

Leia mais

Guia de instalação para ambiente de Desenvolvimento LINUX

Guia de instalação para ambiente de Desenvolvimento LINUX Guia de instalação para ambiente de Desenvolvimento LINUX Conteúdo deste manual Introdução O guia de instalação... 3 Capítulo 1 Instalando o servidor Web Apache... 4 Teste de instalação do Apache... 9

Leia mais

Manual do Usuário. Resumo

Manual do Usuário. Resumo Manual do Usuário Grupo de Teleinformática e Automação (GTA) Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) http://www.gta.ufrj.br 11 de fevereiro de 2008 Resumo O Grupo de Teleinformática e Automação (GTA/UFRJ)

Leia mais

Compartilhando arquivos com o samba

Compartilhando arquivos com o samba Compartilhando arquivos com o samba Para compartilhar arquivos em uma rede local windows, a microsoft utiliza o protocolo smb (server message block). O samba foi criado para que máquinas linux possam compartilhar

Leia mais

Sistema Operacional Unidade 12 Comandos de Rede e Acesso Remoto

Sistema Operacional Unidade 12 Comandos de Rede e Acesso Remoto Sistema Operacional Unidade 12 Comandos de Rede e Acesso Remoto Curso Técnico em Informática SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 3 Protocolo de rede... 3 Protocolo TCP/IP... 3 Máscara de sub-rede... 3 Hostname... 3

Leia mais

Instalação do PHP no Linux

Instalação do PHP no Linux Instalação do PHP no Linux O código PHP está embutido diretamente nos documentos XHTML, embora esses segmentos de script sejam interpretados pelo servidor antes de serem entregues para o cliente, o que

Leia mais

Laboratório de Redes de Computadores e Sistemas Operacionais

Laboratório de Redes de Computadores e Sistemas Operacionais Laboratório de Redes de Computadores e Sistemas Operacionais Linux: Introdução Fabricio Breve Introdução O que é Linux? Uma versão do UNIX (re-implementação do padrão POSIX) Principais diferenciais: Gratuito

Leia mais

Virtualização - Montando uma rede virtual para testes e estudos de serviços e servidores

Virtualização - Montando uma rede virtual para testes e estudos de serviços e servidores Virtualização - Montando uma rede virtual para testes e estudos de serviços e servidores Este artigo demonstra como configurar uma rede virtual para ser usada em testes e estudos. Será usado o VirtualBox

Leia mais

Manual. Configuração Samba. tutorial de instalação. Samba - Linux. Francisco Willian Saldanha Analista de Teste de Sistemas MEC/SEED/DITEC/CETE

Manual. Configuração Samba. tutorial de instalação. Samba - Linux. Francisco Willian Saldanha Analista de Teste de Sistemas MEC/SEED/DITEC/CETE Manual Configuração Samba tutorial de instalação Samba - Linux Francisco Willian Saldanha Analista de Teste de Sistemas MEC/SEED/DITEC/CETE Manual Configuração Samba tutorial de instalação Samba - Linux

Leia mais

Introdução ao Linux. Professor Breno Leonardo G. de M. Araújo

Introdução ao Linux. Professor Breno Leonardo G. de M. Araújo Introdução ao Linux Professor Breno Leonardo G. de M. Araújo Sistema Operacional Linux Embora o Sistema Operacional Microsoft Windows ainda seja predominante no mercado de desktops e Notebooks,já é, bastante

Leia mais

Configuração de um servidor FTP. Campus Cachoeiro Curso Técnico em Informática

Configuração de um servidor FTP. Campus Cachoeiro Curso Técnico em Informática Configuração de um servidor FTP Campus Cachoeiro Curso Técnico em Informática FTP: o protocolo de transferência de arquivos transferir arquivo de/para hospedeiro remoto modelo cliente/servidor cliente:

Leia mais

Informática I. Aula 19. http://www.ic.uff.br/~bianca/informatica1/ Aula 19-20/11/06 1

Informática I. Aula 19. http://www.ic.uff.br/~bianca/informatica1/ Aula 19-20/11/06 1 Informática I Aula 19 http://www.ic.uff.br/~bianca/informatica1/ Aula 19-20/11/06 1 Ementa Histórico dos Computadores Noções de Hardware e Software Microprocessadores Sistemas Numéricos e Representação

Leia mais

Instalando o IIS 7 no Windows Server 2008

Instalando o IIS 7 no Windows Server 2008 Goiânia, 16/09/2013 Aluno: Rafael Vitor Prof. Kelly Instalando o IIS 7 no Windows Server 2008 Objetivo Esse tutorial tem como objetivo demonstrar como instalar e configurar o IIS 7.0 no Windows Server

Leia mais

Instalando e Executando o Siprev em Ambiente Linux Versão SIPREV 2.1.13

Instalando e Executando o Siprev em Ambiente Linux Versão SIPREV 2.1.13 Instalando e Executando o Siprev em Ambiente Linux Versão SIPREV 2.1.13 INSTALL 2010-05-20 ================================================== Instalando e Executando o Siprev em Ambiente Linux ATENÇÃO:

Leia mais

Instalando o IIS 7 no Windows Server 2008

Instalando o IIS 7 no Windows Server 2008 Goiânia, 16/09/2013 Aluno: Rafael Vitor Prof. Kelly Instalando o IIS 7 no Windows Server 2008 Objetivo Esse tutorial tem como objetivo demonstrar como instalar e configurar o IIS 7.0 no Windows Server

Leia mais

Faculdade de Tecnologia SENAC Goiás. Disciplina: Gerenciamento de Rede de Computadores. Goiânia, 16 de novembro de 2014.

Faculdade de Tecnologia SENAC Goiás. Disciplina: Gerenciamento de Rede de Computadores. Goiânia, 16 de novembro de 2014. Faculdade de Tecnologia SENAC Goiás Disciplina: Gerenciamento de Rede de Computadores : Goiânia, 16 de novembro de 2014. Faculdade de Tecnologia SENAC Goiás Professor: Marissol Martins Alunos: Edy Laus,

Leia mais

Instalação do serviço de FTP com o Proftpd

Instalação do serviço de FTP com o Proftpd Tutorial - Proftpd Instalação do serviço de FTP com o Proftpd O Proftpd é um dos mais utilizados servidores de FTP da plataforma Linux. Sua instalação é rápida e fácil. Para instalar o pacote, digite o

Leia mais

ATENÇÃO: Este manual foi feito para usuários que tenham conhecimentos de administrador Linux.

ATENÇÃO: Este manual foi feito para usuários que tenham conhecimentos de administrador Linux. INSTALL 2014-08-12 ================================================== Instalando e Executando o Siprev em Ambiente Linux ATENÇÃO: Este manual foi feito para usuários que tenham conhecimentos de administrador

Leia mais

Manual de Instalação PIMSConnector em Windows

Manual de Instalação PIMSConnector em Windows Manual de Instalação PIMSConnector em Windows Julho/2015 Sumário 1. Contexto de negócio (Introdução)... 3 2. Pré-requisitos instalação/implantação/utilização... 4 3. JBOSS... 6 3.1. Instalação... 6 3.2.

Leia mais

16:21:50. Introdução à Informática com Software Livre

16:21:50. Introdução à Informática com Software Livre 16:21:50 Introdução à Informática com Software Livre 1 16:21:50 Hardware & Software 2 16:21:50 Hardware Hardware é a parte física de um computador, é formado pelos componentes eletrônicos, como por exemplo,

Leia mais

SERVIDOR WEB - APACHE SERVIDOR WEB - APACHE SERVIDOR WEB - APACHE 27/02/2012

SERVIDOR WEB - APACHE SERVIDOR WEB - APACHE SERVIDOR WEB - APACHE 27/02/2012 O servidor Apache é o mais bem sucedido servidor web livre. Foi criado em 1995 por Rob McCool, então funcionário do NCSA (National Center for Supercomputing Applications). Em maio de 2010, o Apache serviu

Leia mais

Protocolo FTP. Professor Leonardo Larback

Protocolo FTP. Professor Leonardo Larback Protocolo FTP Professor Leonardo Larback Protocolo FTP O FTP (File Transfer Protocol) é um protocolo de transferência de arquivos. Atualmente, o FTP é definido pela RFC 959 File Transfer Protocol (FTP)

Leia mais

INTRODUÇÃO: 1 - Conectando na sua conta

INTRODUÇÃO: 1 - Conectando na sua conta INTRODUÇÃO: Com certeza a reação da maioria dos que lerem esse mini manual e utilizarem o servidor vão pensar: "mas porque eu tenho que usar um console se em casa eu tenho uma interface gráfica bonito

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Samba Gustavo Reis gustavo.reis@ifsudestemg.edu.br 1 Conhecido também como servidor de arquivos; Consiste em compartilhar diretórios do Linux em uma rede Windows e visualizar compartilhamentos

Leia mais

MINICURSO WINDOWS SERVER 2008 UTILIZANDO O VMWARE PLAYER

MINICURSO WINDOWS SERVER 2008 UTILIZANDO O VMWARE PLAYER MINICURSO WINDOWS SERVER 2008 UTILIZANDO O VMWARE PLAYER TÁSSIO JOSÉ GONÇALVES GOMES tassiogoncalvesg@gmail.com MINICURSO WINDOWS SERVER 2008 TÁSSIO GONÇALVES - TASSIOGONCALVESG@GMAIL.COM 1 CONTEÚDO Arquitetura

Leia mais

Configuração Definitiva do Samba

Configuração Definitiva do Samba Configuração Definitiva do Samba 1 2 Sumário 1. Vantagens... 5 2. Desvantagem... 5 3. Conclusão Final... 5 4. Vamos botar a mão na massa!... 6 5. Instalação... 6 6. Configuração Parte 1 (Criando os diretórios)...

Leia mais

Configurando um Servidor de Arquivos SAMBA. Prof. Armando Martins de Souza E-mail: armandomartins.souza@gmail.com

Configurando um Servidor de Arquivos SAMBA. Prof. Armando Martins de Souza E-mail: armandomartins.souza@gmail.com Configurando um Servidor de Arquivos SAMBA. Prof. Armando Martins de Souza E-mail: armandomartins.souza@gmail.com Porque usar o Servidor Samba Server? Compartilhamento de arquivos; Servidor de arquivos;

Leia mais

4. Conceitos Básicos de Computação: Sistemas Operacionais

4. Conceitos Básicos de Computação: Sistemas Operacionais Introdução à Computação 5910157 4. Conceitos Básicos de Computação: Sistemas Operacionais Prof. Renato Tinós Local: Depto. de Física e Matemática (FFCLRP/USP) 1 Principais Tópicos 4.1. Introdução aos Sistemas

Leia mais

Projeto de Redes de Computadores. Servidor Radius

Projeto de Redes de Computadores. Servidor Radius Faculdade de Tecnologia Senac Goiás Projeto de Redes de Computadores Servidor Radius Alunos: Fabio Henrique, Juliano Pirozzelli, Murillo Victor, Raul Rastelo Goiânia, Dezembro de 2014 Radius Remote Authentication

Leia mais

Labgrad. Usúario: Senha: senha

Labgrad. Usúario: <matricula> Senha: senha Suporte A equipe do Suporte é responsável pela gerência da rede do Departamento de Informática, bem como da manutenção dos servidores da mesma, e também é responsável pela monitoria do LabGrad e do LAR.

Leia mais

Instalação e Conguração do Xoops. Rogério Vinhal Nunes 26 de março de 2007

Instalação e Conguração do Xoops. Rogério Vinhal Nunes 26 de março de 2007 Instalação e Conguração do Xoops Rogério Vinhal Nunes 26 de março de 2007 1 Sumário 1 O que é o Xoops? 3 2 Instalação do Xoops e Dependências 3 2.1 Instalação das Dependências...............................

Leia mais

UM PBX GENUINAMENTE BRASILEIRO

UM PBX GENUINAMENTE BRASILEIRO UM PBX GENUINAMENTE BRASILEIRO MANUAL DE INSTALAÇÃO COM IMAGEM ISO Revisão: Seg, 21 de Março de 2011 www.sneplivre.com.br Índice 1. Instalação...4 1.1. Pré Requisitos...4 1.2. Na Prática...4 1.2.1. Download...4

Leia mais

Construindo Aplicações Web com. PHPe MySQL. André Milani. Novatec

Construindo Aplicações Web com. PHPe MySQL. André Milani. Novatec Construindo Aplicações Web com PHPe MySQL André Milani Novatec Capítulo 1 Bem-vindo ao PHP Seja bem-vindo ao PHP! O primeiro capítulo deste livro aborda como obter, instalar e configurar corretamente o

Leia mais

Manual de Instalação PIMSConnector em Linux

Manual de Instalação PIMSConnector em Linux Manual de Instalação PIMSConnector em Linux Julho/2015 Sumário 1. Contexto de negócio (Introdução)... 3 2. Pré-requisitos instalação/implantação/utilização... 4 3. JBOSS... 6 3.1. Instalação... 6 3.2.

Leia mais

Sistema de Arquivos do Windows

Sistema de Arquivos do Windows Registro mestre de inicialização (MBR) A trilha zero do HD, onde ficam guardadas as informações sobre o(s) sistema(s) operacionais instalados. Onde começa o processo de inicialização do Sistema Operacional.

Leia mais

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS TÉCNICO DE LABORATÓRIO / ÁREA INFORMÁTICA

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS TÉCNICO DE LABORATÓRIO / ÁREA INFORMÁTICA CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS TÉCNICO DE LABORATÓRIO / ÁREA INFORMÁTICA 26. Considerando o sistema de numeração Hexadecimal, o resultado da operação 2D + 3F é igual a: a) 5F b) 6D c) 98 d) A8 e) 6C 27. O conjunto

Leia mais

Organização do Curso. Instalação e Configuração. Módulo II. Pós Graduação em Projeto e Gerencia de Redes de Computadores

Organização do Curso. Instalação e Configuração. Módulo II. Pós Graduação em Projeto e Gerencia de Redes de Computadores 1 Pós Graduação em Projeto e Gerencia de Redes de Computadores Sistemas Operacionais de Redes I - Linux Prof.: Nelson Monnerat Instalação e Configuração 1 Sistemas Operacionais de Redes I - Linux Módulo

Leia mais

SISTEMA OPERACIONAL & SOFTWARE LIVRE

SISTEMA OPERACIONAL & SOFTWARE LIVRE Curso Técnico em Redes de Computadores Disciplina de Sistemas Operacionais Livres SISTEMA OPERACIONAL & SOFTWARE LIVRE Professora: Juliana Cristina dos Santos E-mail: professora@julianacristina.com Site:

Leia mais

Manual de Acesso a Servidores SSH

Manual de Acesso a Servidores SSH UFF - Universidade Federal Fluminense Escola de Engenharia Curso de Engenharia de Telecomunicações Programa de Educação Tutorial Grupo PET-Tele Manual de Acesso a Servidores SSH Autor : Orientador: Vinicius

Leia mais

Trabalho de Sistema de Informações. Instalação e configuração aplicativo Ocomon

Trabalho de Sistema de Informações. Instalação e configuração aplicativo Ocomon Trabalho de Sistema de Informações Aluno: Paulo Roberto Carvalho da Silva Instalação e configuração aplicativo Ocomon O trabalho tem como objetivo o estudo de caso,a instalação, configuração e funcionamento

Leia mais

Administração de redes Servidor FTP

Administração de redes Servidor FTP Administração de redes Servidor FTP FTP (File Transfer Protocol - Protocolo de transferência de arquivos) é um tipo de protocolo utilizado para a transferência de arquivos entre computadores em rede. Para

Leia mais

Desenvolvendo Websites com PHP

Desenvolvendo Websites com PHP Desenvolvendo Websites com PHP Aprenda a criar Websites dinâmicos e interativos com PHP e bancos de dados Juliano Niederauer 19 Capítulo 1 O que é o PHP? O PHP é uma das linguagens mais utilizadas na Web.

Leia mais

Montagem e Configuração de Redes de Computadores

Montagem e Configuração de Redes de Computadores Montagem e Configuração de Redes de Computadores Servidores http, ftp e dhcp Prof. Rodrigo Rocha http://www.bolinhabolinha.com Windows 2003 WebServer (IIS) Iniciar ferramentas administrativas gerenciar

Leia mais

Sistemas Operacionais

Sistemas Operacionais Sistemas Operacionais Prof. Macêdo Firmino Introdução à Disciplina (Ementa) Macêdo Firmino (IFRN) Sistemas Operacionais Novembro de 2012 1 / 9 Objetivos Conhecer os princípios básicos de um sistema operacional;

Leia mais

Programação WEB. Prof. André Gustavo Duarte de Almeida andre.almeida@ifrn.edu.br docente.ifrn.edu.br/andrealmeida. Aula III Introdução PHP

Programação WEB. Prof. André Gustavo Duarte de Almeida andre.almeida@ifrn.edu.br docente.ifrn.edu.br/andrealmeida. Aula III Introdução PHP Programação WEB Prof. André Gustavo Duarte de Almeida andre.almeida@ifrn.edu.br docente.ifrn.edu.br/andrealmeida Aula III Introdução PHP Introdução PHP PHP=Hypertext Pre-Processor Linguagem de script open

Leia mais

FTIN Formação Técnica em Informática Módulo de Administração de Servidores de Rede AULA 03. Prof. Gabriel Silva

FTIN Formação Técnica em Informática Módulo de Administração de Servidores de Rede AULA 03. Prof. Gabriel Silva FTIN Formação Técnica em Informática Módulo de Administração de Servidores de Rede AULA 03 Prof. Gabriel Silva Temas da Aula de Hoje: Servidores Linux. Conceitos Básicos do Linux. Instalando Servidor Linux.

Leia mais

Projeto Amadeus. Guia de Instalação 00.95.00 Linux

Projeto Amadeus. Guia de Instalação 00.95.00 Linux Projeto Amadeus Guia de Instalação 00.95.00 Linux Agosto 2010 Sumário 1. Introdução...3 2. Pré-Requisitos...4 2.1 Máquina Virtual Java...4 2.1.1 Instalando JDK via apt-get...4 2.1.2 Instalando JDK a partir

Leia mais

Aula 14 Serviços Internet (Servidor Web Apache)

Aula 14 Serviços Internet (Servidor Web Apache) CST Redes de Computadores Disciplina: Serviços de Rede Professor: Jéferson Mendonça de Limas Aula 14 Serviços Internet (Servidor Web Apache) Roteiro de Aula Conceitos Básicos Funcionamento de Servidores

Leia mais

Passos Preliminares: Acessando a máquina virtual via ssh.

Passos Preliminares: Acessando a máquina virtual via ssh. CIn/UFPE Sistemas de Informação Redes de Computadores Professor: Kelvin Lopes Dias Monitor: Edson Adriano Maravalho Avelar {kld,eama@cin.ufpe.br Instalando o APACHE, PHP (PHPADMIN), MySQL. Este tutorial

Leia mais

Roteiro 5: Responsabilidades do AD / Gerenciamento de usuários

Roteiro 5: Responsabilidades do AD / Gerenciamento de usuários Roteiro 5: Responsabilidades do AD / Gerenciamento de usuários Objetivos: Detalhar e Definir responsabilidades em controladores de domínio; Configurar propriedades de contas de usuários; Gerenciar perfis

Leia mais

Escola Adalgisa de Barros

Escola Adalgisa de Barros Escola Adalgisa de Barros Sistemas Operacionais Ensino Médio Técnico 1º Ano 1 Software Hardware O Sistema Operacional (SO) é um software que gerencia os recursos do computador, controla o fluxo de informações

Leia mais

Sistemas Operacionais de Rede Linux - Gerenciamento de Arquivos

Sistemas Operacionais de Rede Linux - Gerenciamento de Arquivos Sistemas Operacionais de Rede Linux - Gerenciamento de Arquivos Conteúdo Programático Login e Logout Iniciando e Desligando o Sistema Tipos de arquivo Texto Binário Arquivos e Diretório Manipulação de

Leia mais

Cacti. Dependências básicas Antes de instalar o Cacti é necessário realizar a instalação de suas dependências.

Cacti. Dependências básicas Antes de instalar o Cacti é necessário realizar a instalação de suas dependências. Cacti Segundo o site www.cacti.org, o Cacti é uma solução gráfica completa de rede desenvolvida para aproveitar o poder de armazenamento e funcionalidades gráficas do RRDTool's. Trata-se de uma interface

Leia mais

SERVIDOR WEB + LOG DE ACESSO LABORATÓRIO DE REDES DE COMPUTADORES Responsável: Ana Luíza Cruvinel

SERVIDOR WEB + LOG DE ACESSO LABORATÓRIO DE REDES DE COMPUTADORES Responsável: Ana Luíza Cruvinel Versão 2.0 1. INTRODUÇÃO SERVIDOR WEB + LOG DE ACESSO LABORATÓRIO DE REDES DE COMPUTADORES Responsável: Ana Luíza Cruvinel Data: 02/12/2014 Logs são muito importantes para a administração segura de sistemas,

Leia mais

Manual de Instalação. Instalação via apt-get. SIGA-ADM versão 12.02

Manual de Instalação. Instalação via apt-get. SIGA-ADM versão 12.02 Manual de Instalação Instalação via apt-get SIGA-ADM versão 12.02 Índice de capítulos 1 - Pré-requisitos para instalação..................................................... 05 2 - Instalando o SIGA-ADM..............................................................

Leia mais

ROTEIRO: IMPLANTANDO O SISTEMA OPERACIONAL LINUX. Introdução: FERRAMENTAS. Abaixo segue relação de aplicativos utilizados para realizar este roteiro:

ROTEIRO: IMPLANTANDO O SISTEMA OPERACIONAL LINUX. Introdução: FERRAMENTAS. Abaixo segue relação de aplicativos utilizados para realizar este roteiro: ROTEIRO: IMPLANTANDO O SISTEMA OPERACIONAL LINUX Introdução: Vimos nas aulas passadas um dos sistemas operacionais atualmente utilizados no mundo, o Windows, mas existem outros sistemas operacionais também,

Leia mais

ROTEIRO: IMPLANTANDO O SISTEMA OPERACIONAL WINDOWS 7

ROTEIRO: IMPLANTANDO O SISTEMA OPERACIONAL WINDOWS 7 ROTEIRO: IMPLANTANDO O SISTEMA OPERACIONAL WINDOWS 7 OBJETIVO Conhecer as funcionalidades do software VMware Player implantando o sistema operacional Windows 7 e trabalhando em algumas ferramentas nativas

Leia mais

Introdução a Sistemas Abertos

Introdução a Sistemas Abertos Introdução a Sistemas Abertos Apresentação filipe.raulino@ifrn.edu.br Sistemas Abertos Qualquer programa de computador que pode ser usado, copiado, estudado e redistribuído inclusive com seu código fonte

Leia mais

O sistema operacional recomendado deve ser o Windows 2003, Windows 2000 ou Windows XP (nessa ordem de recomendação).

O sistema operacional recomendado deve ser o Windows 2003, Windows 2000 ou Windows XP (nessa ordem de recomendação). Módulo Nota Fiscal Eletrônica Sispetro Roteiro de Instalação Módulo Autenticador NFE Pré-Requisitos O sistema operacional recomendado deve ser o Windows 2003, Windows 2000 ou Windows XP (nessa ordem de

Leia mais

4º Semestre. Aula 15 Serviços Internet (FTP)

4º Semestre. Aula 15 Serviços Internet (FTP) Disciplina: Serviços de Rede Professor: Jéferson Mendonça de Limas 4º Semestre Aula 15 Serviços Internet (FTP) 2012/2 Roteiro de Aula O Protocolo FTP Funcionamento o FTP Servidor Proftpd Atividade Prática

Leia mais

Professor: Roberto Franciscatto. Curso: Engenharia de Alimentos 01/2010 Aula 3 Sistemas Operacionais

Professor: Roberto Franciscatto. Curso: Engenharia de Alimentos 01/2010 Aula 3 Sistemas Operacionais Professor: Roberto Franciscatto Curso: Engenharia de Alimentos 01/2010 Aula 3 Sistemas Operacionais Um conjunto de programas que se situa entre os softwares aplicativos e o hardware: Gerencia os recursos

Leia mais

Neste tutorial apresentarei o serviço DFS Distributed File System. Veremos quais as vantagens

Neste tutorial apresentarei o serviço DFS Distributed File System. Veremos quais as vantagens Neste tutorial apresentarei o serviço DFS Distributed File System. Veremos quais as vantagens em utilizar este serviço para facilitar a administração de pastas compartilhadas em uma rede de computadores.

Leia mais

FTIN Formação Técnica em Informática Módulo Sistema Proprietário Windows AULA 06. Prof. André Lucio

FTIN Formação Técnica em Informática Módulo Sistema Proprietário Windows AULA 06. Prof. André Lucio FTIN Formação Técnica em Informática Módulo Sistema Proprietário Windows AULA 06 Prof. André Lucio Competências da aula 6 Diretiva de grupo (GPO). Internet Information Services (IIS). PowerShell. Aula

Leia mais

A grande tendência do momento é este termo "computação nas nuvens" ou "cloud computing" (em inglês).

A grande tendência do momento é este termo computação nas nuvens ou cloud computing (em inglês). 1 of 6 23/6/2010 22:42 Autor: Paulo Roberto Junior - WoLF Data: 12/01/2009 Introdução A grande tendência do momento é este termo "computação nas nuvens" ou "cloud computing" (em

Leia mais

Programação Web Prof. Wladimir

Programação Web Prof. Wladimir Programação Web Prof. Wladimir Linguagem de Script e PHP @wre2008 1 Sumário Introdução; PHP: Introdução. Enviando dados para o servidor HTTP; PHP: Instalação; Formato básico de um programa PHP; Manipulação

Leia mais

Faculdades Senac Pelotas

Faculdades Senac Pelotas Faculdades Senac Pelotas Curso Superior de Tecnologia em Redes de Computadores Introdução a informática Alunos Daniel Ferreira, Ícaro T. Vieira, Licurgo Nunes Atividade 4 Tipos de Arquivos Sumário 1 Tipos

Leia mais

Guia de Prática. Windows 7 Ubuntu 12.04

Guia de Prática. Windows 7 Ubuntu 12.04 Guia de Prática Windows 7 Ubuntu 12.04 Virtual Box e suas interfaces de rede Temos 04 interfaces de rede Cada interface pode operar nos modos: NÃO CONECTADO, que representa o cabo de rede desconectado.

Leia mais

Librix...3. Software Livre...3. Manual Eletrônico...3. Opções de Suporte...3. Configuração de Dispositivos Básicos...4

Librix...3. Software Livre...3. Manual Eletrônico...3. Opções de Suporte...3. Configuração de Dispositivos Básicos...4 Índice Introdução Librix...3 Software Livre...3 Manual Eletrônico...3 Opções de Suporte...3 Dicas para a Instalação Configuração de Dispositivos Básicos...4 Teclado...4 Mouse...5 Vídeo...5 Rede...6 Configuração

Leia mais

Curso de Linux Básico com o Linux Educacional

Curso de Linux Básico com o Linux Educacional Curso de Linux Básico com o Felipe Buarque de Queiroz felipe.buarque@gmail.com Unidade Gestora de Tecnologia da Informação - UGTI Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado de Alagoas - FAPEAL Maio de 2009

Leia mais

UM PBX GENUINAMENTE BRASILEIRO MANUAL DE INSTALAÇÃO COM IMAGEM ISO

UM PBX GENUINAMENTE BRASILEIRO MANUAL DE INSTALAÇÃO COM IMAGEM ISO UM PBX GENUINAMENTE BRASILEIRO MANUAL DE INSTALAÇÃO COM IMAGEM ISO Criado por: Flavio Henrique Somensi flavio@opens.com.br Revisão: qui, 25 de abril de 2013 www.sneplivre.com.br Índice 1. Instalação...4

Leia mais

Funcionalidades da ferramenta zabbix

Funcionalidades da ferramenta zabbix Funcionalidades da ferramenta zabbix Jordan S. Romano¹, Eduardo M. Monks¹ ¹Curso Superior de Tecnologia em Redes de Computadores FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC PELOTAS (FATEC PELOTAS) Rua Gonçalves Chaves,

Leia mais

Manual de Procedimentos para Instalação do Moodle nos Servidores dos Telecentros. V1.0 Abril de 2012

Manual de Procedimentos para Instalação do Moodle nos Servidores dos Telecentros. V1.0 Abril de 2012 Manual de Procedimentos para Instalação do Moodle nos Servidores dos Telecentros V1.0 Abril de 2012 Esta obra está licenciada sob uma Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-vedada a criação de obras

Leia mais

Implementando e Gerenciando Diretivas de Grupo

Implementando e Gerenciando Diretivas de Grupo Implementando e Gerenciando Diretivas de João Medeiros (joao.fatern@gmail.com) 1 / 37 Introdução a diretivas de grupo - GPO Introdução a diretivas de grupo - GPO Introdução a diretivas de grupo Criando

Leia mais