ORDEM DE SERVIÇO 3 - CRITÉRIOS PARA A CONCESSÃO E RENOVAÇÃO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "ORDEM DE SERVIÇO 3 - CRITÉRIOS PARA A CONCESSÃO E RENOVAÇÃO"

Transcrição

1 OS-006 /SR-1/ / FINALIDADE A presente Ordem de Serviço tem como finalidade modificar a OS-006-/SR-1/08 e regulamentar a operacionalização do Programa de Estágio Interno Complementar. 2 - OBJETIVO DO PROGRAMA Proporcionar a realização de atividades práticas na linha de formação profissional do estudante, na UERJ, visando à integração de conhecimentos teórico - práticos e o desenvolvimento da competência técnico - científica. 3 - CRITÉRIOS PARA A CONCESSÃO E RENOVAÇÃO Da Concessão de bolsas As bolsas disponibilizadas para o Programa de Estágio Complementar serão distribuídas pelo CETREINA, para os Componentes Organizacionais da UERJ, levando-se em conta o levantamento das potencialidades de cada órgão e a aprovação prévia de Projetos, que objetivem contribuir para a formação profissional do estudante. Os Projetos serão apreciados por um Comitê de Avaliação, desta modalidade de bolsa, convocado pelo CETREINA. As Unidades Acadêmicas / Administrativas poderão receber bolsas de Estágio Interno Complementar, desde que os Projetos não se caracterizem como pesquisa, extensão e/ou docência. As bolsas serão concedidas, pelo período máximo, de um (1) ano, sendo o término dos Termos de Compromisso de Estágio em 31 de dezembro de cada ano. 4 - DOS PROJETOS Da Seleção e Inscrição dos Projetos Cada projeto deverá conter: (1) objetivos; (2) fundamentação teórica; (3) metodologia; (4) apresentação dos Planos de Trabalho, com as respectivas atividades dos bolsistas; (5) bibliografia; (6) cronograma.

2 1. De acordo com a DELIBERAÇÃO nº 047/95, em seu art. 3º, compete ao monitor: UERJ OS-006 /SR-1/ /05 O Plano de Trabalho do bolsista deve conter: (1 ) a definição dos objetivos do trabalho do aluno; (2 ) a relevância da participação do aluno; (3 ) a capacitação almejada para o aluno; (4 ) o cronograma de atividades, com os tópicos a serem desenvolvidos. Os Projetos serão julgados considerando-se os seguintes critérios: - Objetivos - Relevância - Fundamentação teórica - Proposta de aprimoramento de métodos, processos ou modelos vigentes no setor de alocação do projeto - Viabilidade de execução - Indicadores de desenvolvimento do projeto; - Contribuição efetiva para a formação profissional do bolsista (ênfase na execução de atividades pertinentes à formação do aluno) - Adequação e viabilidade de execução do plano de trabalho dos bolsistas DA APRESENTAÇÃO ANUAL DOS PROJETOS Os Projetos e Relatórios deverão ser cadastrados no Sistema de Cadastramento e Avaliação On-line, do CETREINA, e devem estar em conformidade com as normas estabelecidas nesta Ordem de Serviço. Em caso de renovação, deverão ser preenchidos, também on-line, dois Relatórios diferentes: um pelo Coordenador de Projeto e, outro, que deverá ser preenchido, por cada um dos estagiários envolvidos no Projeto DA SELEÇÃO DOS PROJETOS Os Projetos serão analisados pelo Comitê de Avaliação de Projetos de Estágio Interno Complementar, que emitirá parecer baseado nos critérios contidos nesta Ordem de Serviço. IV - DAS ATRIBUIÇÕES DO MONITOR

3 OS-006 /SR-1/ / DO COMITÊ DE AVALIAÇÃO DOS PROJETOS O Comitê de Avaliação de Estágio Interno Complementar será composto por professores da UERJ, preferencialmente com carga horária de 40 horas semanais. A convocação do Comitê de Avaliação de Projetos de Estágio Interno Complementar será feita pelo CETREINA, em data a ser fixada, sendo seus componentes convidados, anualmente, pelo CETREINA, ouvida a SR1. Caberá a este Comitê e ao CETREINA a avaliação e a análise das solicitações de bolsas EIC, anualmente DO ACOMPANHAMENTO DOS PROJETOS O Coordenador de Projeto, anualmente, deverá cadastrar on-line, seu(s) Projeto(s), de acordo com o calendário de Cadastramento e Avaliação, proposto e divulgado pelo CETREINA, para cada ano letivo, devendo, ainda, apresentar seu(s) Projeto(s), na Semana de Graduação, durante a UERJ SEM MUROS, juntamente com seu(s) estagiário(s) DO RESULTADO DA AVALIAÇÃO DOS PROJETOS A consolidação dos Relatórios, com os Resultados finais de Avaliação dos Projetos, e a concessão de bolsas, será feita pelo CETREINA, através de seu site e, amplamente divulgadas junto às Unidades Acadêmicas e Administrativas. 5 - DA INSCRIÇÃO E SELEÇÃO DE BOLSISTAS Poderão se candidatar ao Programa de Estágio Interno Complementar alunos ativos, regularmente matriculados, nos cursos de graduação da UERJ, a partir do 1º período completo. A seleção dos alunos será feita pelo Coordenador do Projeto que recebeu a bolsa de estágio. Os nomes dos estagiários selecionados deverão ser enviados, pelo Coordenador de Projeto, através de Ficha de Movimentação Discente, ao CETREINA, para a contratação dos bolsistas, de acordo com os prazos previstos no calendário.

4 OS-006 /SR-1/ / DA RENOVAÇÃO DE BOLSAS As bolsas de Estágio Interno Complementar poderão ser renovadas, anualmente, até completarem, no máximo, 24 meses, em função das atividades realizadas e da avaliação feita pelo Comitê de Avaliação. 7 - DISPOSIÇÕES GERAIS A carga horária do bolsista é de 20 horas semanais O supervisor de estágio, deverá ser um servidor docente ou técnico - administrativo de nível superior, vinculado à UERJ, preferencialmente em regime de 40 horas e que tenha a formação profissional do aluno estagiário O bolsista poderá ser desligado do Projeto, por desistência, término de curso ou trancamento de matrícula, desinteresse e/ou ineficiência na realização das atividades propostas pelo Projeto. Se optar por outra bolsa na UERJ, ou por um estágio externo, deverá escolher em qual das opções irá permanecer, pois somente poderá ocupar um tipo de bolsa. Os supervisores deverão comunicar de imediato, ao CETREINA, o desligamento do bolsista para o cancelamento do Termo de Compromisso, visando evitar pagamento indevido da bolsa O bolsista poderá, também, desligar-se, a pedido, diretamente no CETREINA, com a anuência do Coordenador do Projeto O bolsista deverá firmar Termo de Compromisso de Estágio com a UERJ, participar ativamente das atividades programadas, cumprir a carga horária estabelecida, não ter outra bolsa, exceto o estágio curricular, elaborar, anualmente, Relatório, on-line, de suas atividades, de acordo com o calendário proposto, e participar de avaliação sobre sua experiência de estágio, quando convocado pelo CETREINA O bolsista que tiver permanecido, no mínimo, 75% do período da bolsa fará jus a Certificado, emitido pelo CETREINA. Caso contrário, será emitida pelo CETREINA uma Declaração de estágio Os Termos de Compromisso terão vigência até 31 de dezembro do ano de concessão da bolsa, não podendo ter um prazo de duração inferior a 3 (três) meses O prazo acima citado poderá vir a ser prorrogado pela SR Os Termos de Compromisso terão vigência até 31 de dezembro do ano de concessão da bolsa, não podendo ter um prazo de duração inferior a 3 (três) meses.

5 8 UERJ OS-006 /SR-1/ /05 ASSUNTO: Regulamenta o Programa de Estagio Interno Complementar 19/09/ DISPOSIÇÕES FINAIS O horário das atividades do bolsista não poderá interferir no cumprimento das suas obrigações acadêmicas O estagiário bolsista não terá, em nenhuma hipótese, vínculo empregatício com a UERJ Para atender à legislação pertinente, a UERJ manterá Apólice de Seguro Coletiva, para os bolsistas no desempenho de suas atividades de estágio. 8.4 Ao final de cada ano letivo, as bolsas alocadas em cada Projeto retornarão ao CETREINA, para a redistribuição aos Projetos aprovados pelo Comitê de Avaliação, desta modalidade, para o ano seguinte. 8.5 O Termo de Compromisso de Estágio fica automaticamente anulado se as atividades propostas forem canceladas, por qualquer motivo, ou se houver desligamento do bolsista. 8.6 Os casos omissos serão resolvidos pelo CETREINA. 8.7 A operacionalização desta Ordem de serviço será feita mediante Edital anual. 9 - VIGÊNCIA Esta Ordem de Serviço entra em vigor nesta data, revogadas as disposições em contrário.

ORDEM DE SERVIÇO 3 - CRITÉRIOS PARA A CONCESSÃO E RENOVAÇÃO

ORDEM DE SERVIÇO 3 - CRITÉRIOS PARA A CONCESSÃO E RENOVAÇÃO OS-05/SR-1/04 01/05 1 - FINALIDADE A presente Ordem de Serviço tem como finalidade modificar a OS-01- /SR-1/95 e regulamentar a operacionalização do Programa de Estágio Interno Complementar. 2 - OBJETIVO

Leia mais

ORDEM DE SERVIÇO. ASSUNTO: Regulamenta o Programa de Bolsa de Iniciação à Docência 1 FINALIDADE

ORDEM DE SERVIÇO. ASSUNTO: Regulamenta o Programa de Bolsa de Iniciação à Docência 1 FINALIDADE OS-04/SR-1/04 01/06 1 FINALIDADE A presente Ordem de Serviço tem por finalidade modificar a OS-02/SR-1/95 e regulamentar a operacionalização do Programa de Bolsa de Iniciação à. 2 OBJETIVO DO PROGRAMA

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE BIBLIOTECONOMIA E COMUNICAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM COMUNICAÇÃO E INFORMAÇÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE BIBLIOTECONOMIA E COMUNICAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM COMUNICAÇÃO E INFORMAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE BIBLIOTECONOMIA E COMUNICAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM COMUNICAÇÃO E INFORMAÇÃO RESOLUÇÃO 01/2016 O Conselho do Programa de Pós-Graduação em Comunicação

Leia mais

R E S O L U Ç Ã O. Bragança Paulista, 30 de maio de 2016. Profa. Márcia Aparecida Antônio Presidente

R E S O L U Ç Ã O. Bragança Paulista, 30 de maio de 2016. Profa. Márcia Aparecida Antônio Presidente RESOLUÇÃO CONSEACC/BP 16/2016 APROVA O REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVIONADO DO CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO, DO CAMPUS BRAGANÇA PAULISTA DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO USF. A Presidente do Conselho Acadêmico

Leia mais

R E S O L U Ç Ã O. Esta Resolução entra em vigor nesta data, revogando disposições contrárias. Bragança Paulista, 16 de dezembro de 2010.

R E S O L U Ç Ã O. Esta Resolução entra em vigor nesta data, revogando disposições contrárias. Bragança Paulista, 16 de dezembro de 2010. RESOLUÇÃO CONSEPE 62/2010 ALTERA O REGULAMENTO DO COMPONENTE CURRICULAR ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE MEDICINA, CAMPUS BRAGANÇA PAULISTA, DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO. O Presidente do Conselho

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PARA ESTÁGIO DE PÓS-DOUTORADO COM BOLSA DO PROGRAMA NACIONAL DE PÓS-DOUTORADO (PNPD/CAPES)

EDITAL DE SELEÇÃO PARA ESTÁGIO DE PÓS-DOUTORADO COM BOLSA DO PROGRAMA NACIONAL DE PÓS-DOUTORADO (PNPD/CAPES) EDITAL DE SELEÇÃO PARA ESTÁGIO DE PÓS-DOUTORADO COM BOLSA DO PROGRAMA NACIONAL DE PÓS-DOUTORADO (PNPD/CAPES) A Coordenação do Programa de Pós-Graduação em Letras (Ciência da Literatura) da UFRJ torna pública

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DELIBERAÇÃO N 020 /01 Aprova a criação do Curso de Especialização em Direito do Consumidor O CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO, no uso da competência que lhe atribui o artigo 11, parágrafo

Leia mais

V DOS REQUISITOS NECESSÁRIOS PARA INSCRIÇÃO DOS CANDIDATOS. 5.1 Os candidatos devem cumprir os procedimentos, critérios e prazos:

V DOS REQUISITOS NECESSÁRIOS PARA INSCRIÇÃO DOS CANDIDATOS. 5.1 Os candidatos devem cumprir os procedimentos, critérios e prazos: EDITAL Nº XXX/2011/PROGRAD/CAPES A Pró-Reitoria de Ensino de Graduação PROGRAD no uso de suas atribuições legais, estatutárias e regimentais, torna pública a abertura das inscrições para selecionar acadêmicos

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE DEPARTAMENTO DE PSICOLOGIA EDITAL Nº. 01, DE 05 DE FEVEREIRO DE 2016

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE DEPARTAMENTO DE PSICOLOGIA EDITAL Nº. 01, DE 05 DE FEVEREIRO DE 2016 EDITAL Nº. 01, DE 05 DE FEVEREIRO DE 2016 PROCESSO SELETIVO O Departamento de Psicologia da Universidade Federal de Sergipe comunica que estarão abertas inscrições para a seleção para preenchimento de

Leia mais

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM COMUNICAÇÃO - PPGCOM

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM COMUNICAÇÃO - PPGCOM EDITAL Nº. 01, DE 18 DE MARÇO DE 2015 PROCESSO SELETIVO O PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM COMUNICAÇÃO PPGCOM da Universidade Federal de Sergipe comunica que estarão abertas inscrições para a seleção de estudantes

Leia mais

R E S O L U Ç Ã O. Fica aprovado, conforme anexo, o Regulamento de Monitoria para os cursos de graduação das Faculdades Integradas Sévigné.

R E S O L U Ç Ã O. Fica aprovado, conforme anexo, o Regulamento de Monitoria para os cursos de graduação das Faculdades Integradas Sévigné. RESOLUÇÃO CSA 08/2009 APROVA O REGULAMENTO DE MONITORIA PARA OS CURSOS DE GRADUAÇÃO DAS. O Presidente do Conselho Superior de Administração CSA, no uso das atribuições que lhe confere o art. 6º, II, do

Leia mais

RESOLUÇÃO UnC-CONSEPE 153/2004

RESOLUÇÃO UnC-CONSEPE 153/2004 RESOLUÇÃO UnC-CONSEPE 153/2004 Aprova o Programa de Financiamento da Pesquisa Docente na UnC O Reitor da Universidade do Contestado, no uso de suas atribuições, de acordo com o Art. 25 do Estatuto da Universidade

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO DA FACULDADE EDUCACIONAL ARAUCÁRIA

REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO DA FACULDADE EDUCACIONAL ARAUCÁRIA REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO DA FACULDADE EDUCACIONAL ARAUCÁRIA CAPÍTULO I DA DEFINIÇÃO E FINALIDADES DO ESTÁGIO SUPERVISIONADO Art. 1 - O Estágio Supervisionado,

Leia mais

Universidade Federal de Alagoas Pró-Reitoria de Extensão Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação. EDITAL nº5/2011

Universidade Federal de Alagoas Pró-Reitoria de Extensão Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação. EDITAL nº5/2011 Universidade Federal de Alagoas Pró-Reitoria de Extensão Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação EDITAL nº5/2011 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO À PESQUISA - AÇÃO (PIBIP-AÇÃO) 2011 - Campus

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO LEONARDO DA VINCI

CENTRO UNIVERSITÁRIO LEONARDO DA VINCI TERMO DE CONVÊNIO DE ESTÁGIO Nos termos da Lei 11.788, de 25 de setembro de 2008, celebrado entre as partes abaixo qualificadas: INSTITUIÇÃO DE ENSINO CENTRO UNIVERSITÁRIO LEONARDO DA VINCI UNIASSELVI

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL UFRGS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA-PROPESQ. Edital 08/2016

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL UFRGS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA-PROPESQ. Edital 08/2016 UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL UFRGS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA-PROPESQ Edital 08/2016 1. Sobre o Programa A Pró-Reitoria de Pesquisa (PROPESQ) lança a 8ª edição do Programa Ciência na Sociedade

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE E DESPORTO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE E DESPORTO UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE E DESPORTO Edital simplificado para seleção de acadêmicos remunerados e voluntários do projeto de extensão Alimente

Leia mais

CAPÍTULO I DA DEFINIÇÃO

CAPÍTULO I DA DEFINIÇÃO REGULAMENTO DOS ESTÁGIOS CURRICULARES OBRIGATÓRIOS DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE DE ZOOTECNIA E ENGENHARIA DE ALIMENTOS DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO (FZEA/USP) Aprovado na 190ª reunião da C.G de

Leia mais

Orientações para o Estágio

Orientações para o Estágio Orientações para o Estágio DIREC 2015 Câmpus Guarapuava LEI Nº 11.788, DE 25 DE SETEMBRO DE 2008 Estágio Disponível em: http://www.utfpr.edu.br/estrutura-universitaria/proreitorias/prograd/legislacao/arquivos/lei11788_estagio.pdf

Leia mais

EDITAL Nº 0021/2014 DE ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO INTERNO PARA BOLSA NO MESTRADO DESTINADO AOS PROFESSORES DO CENTRO UNIVERSITÁRIO EURO-AMERICANO

EDITAL Nº 0021/2014 DE ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO INTERNO PARA BOLSA NO MESTRADO DESTINADO AOS PROFESSORES DO CENTRO UNIVERSITÁRIO EURO-AMERICANO EDITAL Nº 0021/2014 DE ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO INTERNO PARA BOLSA NO MESTRADO DESTINADO AOS PROFESSORES DO CENTRO UNIVERSITÁRIO EURO-AMERICANO A Magnífica Senhora Reitora do CENTRO UNIVERSITÁRIO

Leia mais

PROGRAMA DE AUXÍLIO ALIMENTAÇÃO PARA PRÁTICA ESPORTIVA INTRODUÇÃO

PROGRAMA DE AUXÍLIO ALIMENTAÇÃO PARA PRÁTICA ESPORTIVA INTRODUÇÃO PROGRAMA DE AUXÍLIO ALIMENTAÇÃO PARA PRÁTICA ESPORTIVA INTRODUÇÃO O Programa de Auxílio Alimentação para Prática Esportiva foi implantado em caráter experimental, no período de Agosto a Dezembro de 2011,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FLORIANÓPOLIS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE GABINETE DO SECRETÁRIO EDITAL Nº. 002/2010

PREFEITURA MUNICIPAL DE FLORIANÓPOLIS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE GABINETE DO SECRETÁRIO EDITAL Nº. 002/2010 Processo Seletivo Simplificado para preenchimento de cargos em caráter temporário, com fulcro na Lei Municipal nº 6.690/2005 que alterou o art. 4º, da Lei Municipal nº 4.302/1994 e no Decreto 5727/2008,

Leia mais

Anexo 2 Normas de Estágio Curricular do Bacharelado em Sistemas de Informação

Anexo 2 Normas de Estágio Curricular do Bacharelado em Sistemas de Informação Anexo 2 Normas de Estágio Curricular do Aprova as Normas de Estágio Curricular do Bacharelado em Sistemas de Informação, em conformidade com a Lei de Estágio - Lei Federal Nº 11.788 de 25 de setembro de

Leia mais

PROGRAMA DE BOLSA DE APOIO À PESQUISA E DESENVOLVIMENTO DO INOVA SENAI-PE

PROGRAMA DE BOLSA DE APOIO À PESQUISA E DESENVOLVIMENTO DO INOVA SENAI-PE PROGRAMA DE BOLSA DE APOIO À PESQUISA E DESENVOLVIMENTO DO INOVA SENAI-PE PROGRAMA INSTITUCIONAL PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE APOIO A PESQUISA E DESENVOLVIMENTO DE PROJETOS DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA INOVA

Leia mais

Easy PDF Creator is professional software to create PDF. If you wish to remove this line, buy it now.

Easy PDF Creator is professional software to create PDF. If you wish to remove this line, buy it now. DECRETO Nº 297, de 21 de maio de 2007 Regulamenta o Programa Novos Valores, para o estágio de estudantes em órgãos e entidades da Administração Direta, Autárquica e Fundacional do Poder Executivo Estadual,

Leia mais

Estado de Sergipe Secretaria de Estado da Educação Gabinete do Secretário EDITAL Nº 04/2016

Estado de Sergipe Secretaria de Estado da Educação Gabinete do Secretário EDITAL Nº 04/2016 EDITAL Nº 04/2016 O SECRETÁRIO DE ESTADO DA EDUCAÇÃO no uso das suas atribuições legais e regulamentares, tendo em vista o disposto do art. 90, da Constituição Estadual, do art. 82, da Lei nº. 9.394 de

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO NÃO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE ADMINISTRAÇÂO CAPÍTULO I DA DEFINIÇÃO

REGULAMENTO DE ESTÁGIO NÃO OBRIGATÓRIO DO CURSO DE ADMINISTRAÇÂO CAPÍTULO I DA DEFINIÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ SETOR DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO - DAGA COORDENAÇÃO DO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Telefone: (41) 3360-4360 Fax: (41) 3360-4360 REGULAMENTO DE

Leia mais

EDITAL N.º 06/2016 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA INGRESSO NO CURSO DE EXTENSÃO DE INTRODUÇÃO À PROGRAMAÇÃO

EDITAL N.º 06/2016 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA INGRESSO NO CURSO DE EXTENSÃO DE INTRODUÇÃO À PROGRAMAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO CEARÁ - IFCE CAMPUS BOA VIAGEM EDITAL N.º 06/2016 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA INGRESSO NO CURSO DE EXTENSÃO DE INTRODUÇÃO

Leia mais

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA PROGRAMA ASSOCIADO DE PÓS-GRADUAÇÃO E EDUCAÇÃO FÍSICA

UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA PROGRAMA ASSOCIADO DE PÓS-GRADUAÇÃO E EDUCAÇÃO FÍSICA UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA PROGRAMA ASSOCIADO DE PÓS-GRADUAÇÃO E EDUCAÇÃO FÍSICA EDITAL Nº 01/2016 PAPGEF UPE/UFPB A Coordenação do Programa Associado de Pós-graduação UPE/UFPB

Leia mais

EDITAL - SELEÇÃO PARA ESTÁGIO NO DEPARTAMENTO JURÍDICO

EDITAL - SELEÇÃO PARA ESTÁGIO NO DEPARTAMENTO JURÍDICO EDITAL - SELEÇÃO PARA ESTÁGIO NO DEPARTAMENTO JURÍDICO 1. PREÂMBULO 1.1. Tornamos público que, por autorização do Senhor Diretor Superintendente, encontra-se aberto, nesta Companhia, processo seletivo

Leia mais

Anexo 03 Normas para a realização de Estágio

Anexo 03 Normas para a realização de Estágio Anexo 03 Normas para a realização de Estágio REGULAMENTO DE ESTÁGIO DO CURSO DE ENGENHARIA CIVIL Capítulo I DA NATUREZA Art. 1º. O Projeto Pedagógico do Curso de Engenharia Civil do Setor de Tecnologia

Leia mais

Edital do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica Júnior BIC Jr. PIBIC/UFRGS - 2015/2016 Educação Básica

Edital do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica Júnior BIC Jr. PIBIC/UFRGS - 2015/2016 Educação Básica Edital do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica Júnior BIC Jr. PIBIC/UFRGS - 2015/2016 Educação Básica A Universidade Federal do Rio Grande do Sul, por intermédio da Pró-Reitoria de

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO COORDENAÇÃO DE CURRICULOS E PROGRAMAS PROGRAMA DE LICENCIATURA PROLICEN/ UFPB/2015

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO COORDENAÇÃO DE CURRICULOS E PROGRAMAS PROGRAMA DE LICENCIATURA PROLICEN/ UFPB/2015 UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO COORDENAÇÃO DE CURRICULOS E PROGRAMAS PROGRAMA DE LICENCIATURA PROLICEN/ UFPB/2015 A Pró-Reitoria de Graduação, no uso de suas atribuições

Leia mais

Resolução N 028/2008-ConEPE-UnP Natal-RN, 11 de setembro de 2008

Resolução N 028/2008-ConEPE-UnP Natal-RN, 11 de setembro de 2008 CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO - ConEPE Resolução N 028/2008-ConEPE-UnP Natal-RN, 11 de setembro de 2008 Aprova o Regulamento do Programa de Bolsas de Iniciação Científica da Universidade Potiguar

Leia mais

DIRETRIZES PARA ESTRUTURAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DE GRADUAÇÃO DO CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO

DIRETRIZES PARA ESTRUTURAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DE GRADUAÇÃO DO CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO DIRETRIZES PARA ESTRUTURAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DE GRADUAÇÃO DO CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO INTRODUÇÃO O curso de Engenharia de Produção da Escola Superior de Tecnologia e Educação de

Leia mais

REGIMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

REGIMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES FACULDADE MARECHAL RONDON REGIMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES ENFERMAGEM São Manuel 2016 1 REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES DO CURSO DE GRADUAÇÃO EM DA FMR As Atividades Complementares, conforme

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE EDUCAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO EDITAL 002/2016

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE EDUCAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO EDITAL 002/2016 UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL FACULDADE DE EDUCAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO EDITAL 002/2016 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONCESSÃO DE BOLSA DO PROGRAMA NACIONAL DE PÓS-DOUTORADO

Leia mais

RESOLUÇÃO CGRAD 020/08, DE 16 DE JULHO DE 2008

RESOLUÇÃO CGRAD 020/08, DE 16 DE JULHO DE 2008 RESOLUÇÃO CGRAD 020/08, DE 16 DE JULHO DE 2008 Aprova o Regulamento Geral dos Estágios Curriculares dos Cursos de Graduação do CEFET-MG A PRESIDENTE DO DO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE MINAS

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO

REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO BACHARELADO EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO Osasco 2013 Apresentação O presente instrumento regulamenta o exercício e a validação dos Estágios Supervisionados Curriculares e

Leia mais

Edital para Seleção de Alunos Bolsistas EDITAL N.º 01/2016 Programa Institucional de Apoio a Projetos de Extensão - PAPEX-PROEXT

Edital para Seleção de Alunos Bolsistas EDITAL N.º 01/2016 Programa Institucional de Apoio a Projetos de Extensão - PAPEX-PROEXT INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO CEARÁ - IFCE CAMPUS Crateús Edital para Seleção de Alunos Bolsistas EDITAL N.º 01/2016 Programa Institucional de Apoio a Projetos de Extensão - PAPEX-PROEXT

Leia mais

PROGRAMA DE APOIO A PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA DAS FACULDADES INTEGRADAS EINSTEIN DE LIMEIRA PAPIC- EINSTEIN

PROGRAMA DE APOIO A PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA DAS FACULDADES INTEGRADAS EINSTEIN DE LIMEIRA PAPIC- EINSTEIN PROGRAMA DE APOIO A PESQUISA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA DAS FACULDADES INTEGRADAS EINSTEIN DE LIMEIRA PAPIC- EINSTEIN EDITAL PARA SELEÇÃO DE PROJETOS DO PAPIC- EINSTEIN Nº 01/2015 A Comissão Científica do

Leia mais

CARTILHA DO ESTAGIÁRIO

CARTILHA DO ESTAGIÁRIO CARTILHA DO ESTAGIÁRIO Rua Dr. Alberto Ferreira, 179 - Centro - 13480-074 - Limeira/SP - (19) 3404.9634 SUMÁRIO 1. APRESENTAÇÃO:... 3 2. PERGUNTAS E RESPOSTAS:... 3 3. SÃO OBRIGAÇÕES DAS INSTITUIÇÕES DE

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE VOLUNTÁRIOS PARA DESENVOLVIMENTO DE ATIVIDADES NO NÚCLEO DE PROJETOS COMUNITÁRIOS DA PUCPR

EDITAL DE SELEÇÃO DE VOLUNTÁRIOS PARA DESENVOLVIMENTO DE ATIVIDADES NO NÚCLEO DE PROJETOS COMUNITÁRIOS DA PUCPR EDITAL DE SELEÇÃO DE VOLUNTÁRIOS PARA DESENVOLVIMENTO DE ATIVIDADES NO NÚCLEO DE PROJETOS COMUNITÁRIOS DA PUCPR O Núcleo de Projetos comunitários (NPC) da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR),

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA - PIC/UNIMAR CAPÍTULO I CONCEITUAÇÃO E OBJETIVOS

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA - PIC/UNIMAR CAPÍTULO I CONCEITUAÇÃO E OBJETIVOS REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA - PIC/UNIMAR CAPÍTULO I CONCEITUAÇÃO E OBJETIVOS Art. 1 O Programa Institucional de Iniciação Científica (PIC) tem como meta promover a participação de acadêmicos

Leia mais

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE GRADUAÇÃO EM TURISMO

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE GRADUAÇÃO EM TURISMO UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE FACULDADE DE TURISMO E HOTELARIA CURSO DE GRADUAÇÃO EM TURISMO REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES CURSO DE GRADUAÇÃO EM TURISMO NITERÓI 2016 UNIVERSIDADE FEDERAL

Leia mais

CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 01/2016 CONCURSO PARA INGRESSO DE MONITOR

CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 01/2016 CONCURSO PARA INGRESSO DE MONITOR 1 CURSO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO EDITAL DE CONCURSO PARA PROGRAMA DE MONITORIA N O 01/2016 A Coordenação do Curso de Engenharia de Produção da Unidade de Ensino Superior Dom Bosco, no uso de suas atribuições

Leia mais

EDITAL DE FINANCIAMENTO Nº 006/2014 ATIVIDADES DE EXTENSÃO

EDITAL DE FINANCIAMENTO Nº 006/2014 ATIVIDADES DE EXTENSÃO EDITAL DE FINANCIAMENTO Nº 006/2014 ATIVIDADES DE EXTENSÃO Período de Inscrição: De 02 de junho a 02 de julho de 2014 A Faculdade Independente do Nordeste FAINOR por intermédio da Coordenação de Extensão,

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO DE ADESÃO VOLUNTÁRIA À PARTICIPAÇÃO NO PROJETO DE CONSULTORIA PARA CERTIFICAÇÃO ISSO 9001 NA APAC DE NOVA LIMA

EDITAL DO PROCESSO DE ADESÃO VOLUNTÁRIA À PARTICIPAÇÃO NO PROJETO DE CONSULTORIA PARA CERTIFICAÇÃO ISSO 9001 NA APAC DE NOVA LIMA EDITAL DO PROCESSO DE ADESÃO VOLUNTÁRIA À PARTICIPAÇÃO NO PROJETO DE CONSULTORIA PARA CERTIFICAÇÃO ISSO 9001 NA APAC DE NOVA LIMA De ordem do Professor Paulo Henrique Sousa Leite, Diretor da Faculdade

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº. 181 DE 14 DE DEZEMBRO DE 2011.

RESOLUÇÃO Nº. 181 DE 14 DE DEZEMBRO DE 2011. RESOLUÇÃO Nº. 181 DE 14 DE DEZEMBRO DE 2011. O CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA, EXTENSÃO E CULTURA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS, no uso de suas atribuições legais e considerando o Parecer nº76/2011

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA SEGPLAN Nº 001/2012 - SELEÇÃO DE CANDIDATOS PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE PESQUISA

CHAMADA PÚBLICA SEGPLAN Nº 001/2012 - SELEÇÃO DE CANDIDATOS PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE PESQUISA CHAMADA PÚBLICA SEGPLAN Nº 001/2012 - SELEÇÃO DE CANDIDATOS PARA CONCESSÃO DE BOLSAS DE PESQUISA A Secretaria de Estado de Gestão e Planejamento (SEGPLAN), através do Instituto Mauro Borges de Estatísticas

Leia mais

INSTITUTO BRASILEIRO DE GESTÃO E MARKETING INSTITUTO BRASILEIRO DE SAÚDE- IBS PROCESSO SELETIVO PARA ESTÁGIO EM CLÍNICA ESCOLA CAMPUS 1- IBS

INSTITUTO BRASILEIRO DE GESTÃO E MARKETING INSTITUTO BRASILEIRO DE SAÚDE- IBS PROCESSO SELETIVO PARA ESTÁGIO EM CLÍNICA ESCOLA CAMPUS 1- IBS INSTITUTO BRASILEIRO DE GESTÃO E MARKETING INSTITUTO BRASILEIRO DE SAÚDE- IBS PROCESSO SELETIVO PARA ESTÁGIO EM CLÍNICA ESCOLA CAMPUS 1- IBS EDITALn 06/2016 O Instituto Brasileiro de Gestão e Marketing

Leia mais

EDITAL N 32/2014 PROGRAD PET ECONOMIA

EDITAL N 32/2014 PROGRAD PET ECONOMIA EDITAL N 32/2014 PROGRAD PET ECONOMIA 1. APRESENT AÇÃO 1.1. A (PROGRAD) torna pública a seleção de bolsistas para o grupo PET-Economia/UFAC (Rio Branco), que ocorrerá conforme a Portaria MEC Nº 976, de

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURSO DE ENGENHARIA METALÚRGICA

REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURSO DE ENGENHARIA METALÚRGICA REGULAMENTO DE ESTÁGIO CURSO DE ENGENHARIA METALÚRGICA 2012 Sumário 1. INTRODUÇÃO... 3 2. OBJETIVOS... 3 3. ESTRUTURA ORGANIZACIONAL... 4 4. ATRIBUIÇÕES... 4 5. LOCAIS DE ESTÁGIO E AGENTES DE INTEGRAÇÃO...

Leia mais

ATIVIDADES COMPLEMENTARES NORMAS E PADRÕES

ATIVIDADES COMPLEMENTARES NORMAS E PADRÕES ATIVIDADES COMPLEMENTARES NORMAS E PADRÕES SÃO PAULO 2016 Pg 1/5 Este conjunto de normas e procedimentos tem por objetivo normalizar as Atividades Complementares como componente curricular dos cursos de

Leia mais

REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO

REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO TÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1 - Atendendo a Resolução CNE/CES 10 de 16 de dezembro de 2004, e ao Projeto Pedagógigo do Curso de Ciências Contábeis o

Leia mais

ORIENTAÇÕES SOBRE CURSOS E ATIVIDADES DE EXTENSÃO DA USP

ORIENTAÇÕES SOBRE CURSOS E ATIVIDADES DE EXTENSÃO DA USP ORIENTAÇÕES SOBRE CURSOS E ATIVIDADES DE EXTENSÃO DA USP FORMAÇÃO PROFISSIONAL Prática Programa de Residência Profissionalizante Atualização Graduação Sim Não Sim Concluída Carga horária mínima Definida

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO - UFOP PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO - PROGRAD PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL

UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO - UFOP PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO - PROGRAD PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO - UFOP PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO - PROGRAD PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL EDITAL PROGRAD/PET nº 16/2015, de 11 de março de 2015 Dispõe sobre o processo de seleção de tutor

Leia mais

CAPÍTULO II DA NATUREZA E DOS OBJETIVOS

CAPÍTULO II DA NATUREZA E DOS OBJETIVOS REGULAMENTO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE LICENCIATURA EM MATEMÁTICA CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º O presente instrumento dispõe sobre as normas e procedimentos a serem observados

Leia mais

Edital ICESP/PROMOVE: 01/2016 - Programa Institucional Interno de Criação, Consolidação e Apoio a Grupos de Pesquisa

Edital ICESP/PROMOVE: 01/2016 - Programa Institucional Interno de Criação, Consolidação e Apoio a Grupos de Pesquisa Edital ICESP/PROMOVE: 0/06 - Programa Institucional Interno de Criação, Consolidação e Apoio a Grupos de Pesquisa A Faculdade ICESP/Faculdades Integradas Promove de Brasília (ICESP / PROMOVE), por intermédio

Leia mais

Para a Lei 11.788/2008, a jornada de estágio é de, no máximo 6 horas diárias, e semanalmente no mínimo 20 e no máximo 30 horas.

Para a Lei 11.788/2008, a jornada de estágio é de, no máximo 6 horas diárias, e semanalmente no mínimo 20 e no máximo 30 horas. 1. A partir de quando posso estagiar? Alunos dos Cursos Superiores: a partir do segundo período. Alunos dos Cursos Técnicos Integrados: a partir do segundo ano. Alunos dos Cursos Técnicos Subsequentes:

Leia mais

PROGRAMA DE INICAÇÃO CIENTÍFICA PIC

PROGRAMA DE INICAÇÃO CIENTÍFICA PIC EDITAL 0/205 Sociedade Mestra de Educação e Cultura de Goiás. Faculdade Padrão de Aparecida de Goiânia. fpadrao@yahoo.com.br. Rua José Leandro Qd. 63 Lt. 0 ao 05 Jardim da Luz Aparecida de Goiânia. Fone:

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ UESPI PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO, ASSUNTOS ESTUDANTIS E COMUNITÁRIOS PREX

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ UESPI PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO, ASSUNTOS ESTUDANTIS E COMUNITÁRIOS PREX EDITAL Nº 01/2016 A Universidade Estadual do Piauí, por meio da Pró-Reitoria de Extensão, Assuntos Estudantis e Comunitários - PREX, considerando o OFICIO ADCESP Nº 07/2016, torna pública a abertura das

Leia mais

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE SAÚDE PÚBLICA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA NUTRIÇÃO EM SAÚDE PÚBLICA 2015

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE SAÚDE PÚBLICA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA NUTRIÇÃO EM SAÚDE PÚBLICA 2015 UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE SAÚDE PÚBLICA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA NUTRIÇÃO EM SAÚDE PÚBLICA 2015 NORMAS PARA CONCESSÃO DE BOLSAS - CAPES/CNPq Todos os pedidos de concessão de bolsas

Leia mais

Manual de Estágio. Gestor

Manual de Estágio. Gestor Manual de Estágio Gestor SUMÁRIO Introdução...3 1. Concepção didático-pedagógica da Escola Técnica Residência Técnica...4 2. Quais as obrigações dos gestores de ensino em relação aos estagiários?...4 3.

Leia mais

COORDENAÇÃO DO CURSO DE PEDAGOGIA PROJETO DE EXTENSÃO ACADÊMICA APRENDER PELO BRINCAR EDITAL 007/2016 - FVJ

COORDENAÇÃO DO CURSO DE PEDAGOGIA PROJETO DE EXTENSÃO ACADÊMICA APRENDER PELO BRINCAR EDITAL 007/2016 - FVJ COORDENAÇÃO DO CURSO DE PEDAGOGIA PROJETO DE EXTENSÃO ACADÊMICA APRENDER PELO BRINCAR EDITAL 007/2016 - FVJ Seleção de alunos do Curso de Pedagogia da FVJ para ingresso na monitoria do Projeto de Extensão

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS FACULDADE DE AGRONOMIA ELISEU MACIEL DEPARTAMENTO DE FITOSSANIDADE PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM FITOSSANIDADE

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS FACULDADE DE AGRONOMIA ELISEU MACIEL DEPARTAMENTO DE FITOSSANIDADE PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM FITOSSANIDADE UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS FACULDADE DE AGRONOMIA ELISEU MACIEL DEPARTAMENTO DE FITOSSANIDADE PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM FITOSSANIDADE PROCESSO SELETIVO - PNPD - 2010 A Coordenação do Programa de

Leia mais

Estado de Alagoas Universidade Estadual de Alagoas- UNEAL Pró-Reitoria de Graduação- PROGRAD

Estado de Alagoas Universidade Estadual de Alagoas- UNEAL Pró-Reitoria de Graduação- PROGRAD Estado de Alagoas Universidade Estadual de Alagoas- UNEAL Pró-Reitoria de Graduação- PROGRAD EDITAL INTERNO N.º 15/2014 PIBID/PROGRAD PROGRAMA INSTITUCIONAL DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA A Pró-Reitoria de Graduação

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE BOLSISTA DO PROGRAMA NACIONAL DE PÓS- DOUTORADO-PNPD/CAPES 2016

EDITAL DE SELEÇÃO DE BOLSISTA DO PROGRAMA NACIONAL DE PÓS- DOUTORADO-PNPD/CAPES 2016 EDITAL DE SELEÇÃO DE BOLSISTA DO PROGRAMA NACIONAL DE PÓS- DOUTORADO-PNPD/CAPES 2016 BOLSA DE PÓS-DOUTORADO JUNTO AO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PRODUÇÃO VEGETAL DO CCTA/UENF O Programa de Pós-Graduação

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FLORIANÓPOLIS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE GABINETE DO SECRETÁRIO

PREFEITURA MUNICIPAL DE FLORIANÓPOLIS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE GABINETE DO SECRETÁRIO EDITAL N 006/2011 Processo Seletivo Simplificado para preenchimento de cargos em caráter temporário, para compor a Rede Municipal de Saúde, com fulcro na Lei n 4.302/1994 alterada pela Lei nº 6.690/2005,

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DELIBERAÇÃO nº 032 /98 Autoriza a reformulação do Curso de Especialização em Jornalismo Cultural - Pós-Graduação lato sensu. O CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO E PESQUISA,

Leia mais

EDITAL Nº 01/2016 CCS UFPB

EDITAL Nº 01/2016 CCS UFPB UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE ASSESSORIA DE GRADUAÇÃO EDITAL Nº /26 CCS UFPB A Coordenação de Estágio e Monitoria/PRG e a Assessoria de Graduação/CCS/UFPB, faz saber aos interessados

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO DA FUNDAÇÃO EDUCIONAL GUAXUPÉ CURSO DE ENGENHARIA CIVIL. Regulamento das Atividades Complementares

CENTRO UNIVERSITÁRIO DA FUNDAÇÃO EDUCIONAL GUAXUPÉ CURSO DE ENGENHARIA CIVIL. Regulamento das Atividades Complementares CENTRO UNIVERSITÁRIO DA FUNDAÇÃO EDUCIONAL GUAXUPÉ CURSO DE ENGENHARIA CIVIL Regulamento das s Complementares Capítulo 1 Diretrizes Preliminares Art. 1º As atividades complementares, constantes nas Diretrizes

Leia mais

EDITAL Nº 43/2016 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA JÚNIOR (BIC Jr./FAPEMIG) 2016 ESCOLAS

EDITAL Nº 43/2016 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA JÚNIOR (BIC Jr./FAPEMIG) 2016 ESCOLAS EDITAL Nº 43/2016 PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA JÚNIOR (BIC Jr./FAPEMIG) 2016 ESCOLAS A Pró-Reitora de Pós-Graduação e Pesquisa da Universidade do Vale do Sapucaí PROPPES/Univás,

Leia mais

IV Meeting dos Profissionais do Direito Privado Brasileiro

IV Meeting dos Profissionais do Direito Privado Brasileiro IV Meeting dos Profissionais do Direito Privado Brasileiro EDITAL OLIMPÍADAS DO CONHECIMENTO JURÍDICO A Academia Brasileira de Direito Civil (ABDC), nos termos do presente edital, torna público que estão

Leia mais

EDITAL Nº 001/2016 PROCESSO SELETIVO DE BOLSA DE TUTORIA INCLUSIVA

EDITAL Nº 001/2016 PROCESSO SELETIVO DE BOLSA DE TUTORIA INCLUSIVA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO DIRETORIA DE DESENVOLVIMENTO PEDAGÓGICO COMISSÃO PERMANENTE DE APOIO A ESTUDANTES COM NECESSIDADES EDUCACIONAIS ESPECIAIS EDITAL Nº

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO BOLSAS DEMANDA SOCIAL/2013

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO BOLSAS DEMANDA SOCIAL/2013 UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS CENTRO DE EDUCAÇÃO E CIÊNCIAS HUMANAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO ESPECIAL EDITAL DO PROCESSO SELETIVO BOLSAS DEMANDA SOCIAL/2013 O Programa de Pós-Graduação

Leia mais

UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍ

UNIVERSIDADE DO VALE DO ITAJAÍ EDITAL 141/Vice-Reitoria de Pós-Graduação/2015 Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Turismo e Hotelaria Mestrado Acadêmico e Doutorado em Turismo e Hotelaria O Vice-Reitor de Pós-Graduação, Pesquisa,

Leia mais

EDITAL BOM NEGOCIO PARANÁ 009/2015 BOM NEGÓCIO PARANÁ UNIVERSIDADE SEM FRONTEIRAS 1 DAS VAGAS, DEDICAÇÃO AO PROJETO, VALOR E DURAÇÃO DA BOLSA.

EDITAL BOM NEGOCIO PARANÁ 009/2015 BOM NEGÓCIO PARANÁ UNIVERSIDADE SEM FRONTEIRAS 1 DAS VAGAS, DEDICAÇÃO AO PROJETO, VALOR E DURAÇÃO DA BOLSA. EDITAL BOM NEGOCIO PARANÁ 009/2015 BOM NEGÓCIO PARANÁ UNIVERSIDADE SEM FRONTEIRAS REPUBLICADO EDITAL COM ALTERAÇÕES EM DESTAQUE. A Universidade Estadual do Norte do Paraná, por meio da Pró-Reitoria de

Leia mais

Instituto de Medicina Integral Prof. Fernando Figueira - IMIP Escola de Pós-Graduação em Saúde Materno Infantil Instituição Civil Filantrópica

Instituto de Medicina Integral Prof. Fernando Figueira - IMIP Escola de Pós-Graduação em Saúde Materno Infantil Instituição Civil Filantrópica EDITAL O Instituto de Medicina Integral Prof. Fernando Figueira IMIP em parceria com a Faculdade Pernambucana de Saúde FPS tornam público que será realizada, SELEÇÃO DE TÍTULOS para vagas dos Programas

Leia mais

REGIMENTO INTERNO SOBRE A ORGANIZAÇÃO DA PESQUISA DO CNM

REGIMENTO INTERNO SOBRE A ORGANIZAÇÃO DA PESQUISA DO CNM 1 REGIMENTO INTERNO SOBRE A ORGANIZAÇÃO DA PESQUISA DO CNM DISPÕE SOBRE A PROPOSIÇÃO, ACOMPANHAMENTO E AVALIAÇÃO DAS ATIVIDADES DE PESQUISA NO DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS DA UNIVERSIDADE FEDERAL

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO EDITAL Nº 001/2014- PPGGP PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NO CURSO DE MESTRADO PROFISSIONAL EM GESTÃO PÚBLICA TURMA 2014 A Coordenação do torna público que estarão abertas as inscrições ao Processo Seletivo

Leia mais

Edital Interno 01/2016 - Convocação Para Seleção De Bolsistas

Edital Interno 01/2016 - Convocação Para Seleção De Bolsistas MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA ELÉTRICA - PPGEE Edital Interno

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA FAMIPAR

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA FAMIPAR REGULAMENTO DO PROGRAMA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA FAMIPAR Artigo 1º - O Programa de Iniciação Científica (PIC/FAMIPAR) tem por finalidade despertar o interesse e incentivar vocações para atividades de pesquisa

Leia mais

Art. 1º Estabelecer orientações para a implementação no âmbito do Projeto Bolsa- Formação dos ciclos especiais de capacitação:

Art. 1º Estabelecer orientações para a implementação no âmbito do Projeto Bolsa- Formação dos ciclos especiais de capacitação: PORTARIA MJ Nº 183, DE 9 DE FEVEREIRO DE 2010 Regulamenta os arts. 9º, 10 e 15 do Decreto nº 6.490, de 19 de junho de 2008, alterados pelo Decreto nº 7.081, de 26 de janeiro de 2010, e dá outras providências.

Leia mais

EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA BOLSAS DE ESTUDOS DA CAPES

EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA BOLSAS DE ESTUDOS DA CAPES EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA BOLSAS DE ESTUDOS DA CAPES Retificação ao Edital N 05/2015-PPGFIS Boa Vista-RR, 03 de março de 2015. A Comissão de Seleção de concessão de Bolsas de Estudo da CAPES

Leia mais

FACULDADES ADAMANTINENSES INTEGRADAS

FACULDADES ADAMANTINENSES INTEGRADAS FACULDADES ADAMANTINENSES INTEGRADAS EDITAL DE SELEÇÃO DE ALUNOS PARA O PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA (PIBID/FAI 2015) EDITAL N O. 03/2015 1. APRESENTAÇÃO A Direção-Geral das

Leia mais

REGULAMENTO DE BOLSAS PARCIAIS DE ESTUDOS PARA MONITORIA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA

REGULAMENTO DE BOLSAS PARCIAIS DE ESTUDOS PARA MONITORIA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial Departamento Regional de São Paulo Faculdade de Tecnologia SENAI Félix Guisard REGULAMENTO DE BOLSAS PARCIAIS DE ESTUDOS PARA MONITORIA E INICIAÇÃO CIENTÍFICA

Leia mais

PROJETO DE SOLICITAÇÃO DE DISCIPLINA NO PROGRAMA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PID/2015

PROJETO DE SOLICITAÇÃO DE DISCIPLINA NO PROGRAMA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PID/2015 PROJETO DE SOLICITAÇÃO DE DISCIPLINA NO PROGRAMA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PID/2015 I. Professor orientador: Leonardo Santos Bordoni. II. Disciplina de atuação: Anatomia do Aparelho Locomotor. III. Justificativa

Leia mais

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM ENGENHARIA ELÉTRICA DO CENTRO UNIVERSITÁRIO DA FEI TÍTULO I

REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM ENGENHARIA ELÉTRICA DO CENTRO UNIVERSITÁRIO DA FEI TÍTULO I REGULAMENTO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM ENGENHARIA ELÉTRICA DO CENTRO UNIVERSITÁRIO DA FEI TÍTULO I DAS CARACTERÍSTICAS DO PROGRAMA E SEUS OBJETIVOS Art. 1º - Este Regulamento complementa

Leia mais

EDITAL INTERNO Nº 01/2012 PROGRAMA DE FORMAÇÃO DE RECURSOS HUMANOS NA ÁREA DE PETROLEO, GÁS, ENERGIA E BIOCOMBUSTÍVEIS (PFRH/ IFRJ/PETROBRAS)

EDITAL INTERNO Nº 01/2012 PROGRAMA DE FORMAÇÃO DE RECURSOS HUMANOS NA ÁREA DE PETROLEO, GÁS, ENERGIA E BIOCOMBUSTÍVEIS (PFRH/ IFRJ/PETROBRAS) MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO DE JANEIRO EDITAL INTERNO Nº 01/2012 PROGRAMA DE FORMAÇÃO DE RECURSOS

Leia mais

167673 Estágio Curricular Estágio Obrigatório Graduação em Enga. Mecatrônica

167673 Estágio Curricular Estágio Obrigatório Graduação em Enga. Mecatrônica 167673 Estágio Curricular Estágio Obrigatório Graduação em Enga. Mecatrônica Prof. Eduardo Stockler Tognetti (coordenador de estágio) Departamento de Engenharia Elétrica Universidade de Brasília UnB 1

Leia mais

Informações sobre estágios e bolsas INFORMAÇÕES GERAIS

Informações sobre estágios e bolsas INFORMAÇÕES GERAIS Informações sobre estágios e bolsas INFORMAÇÕES GERAIS 1. Este é um processo seletivo para prospecção de estudantes de cursos de nível médio, profissionalizante e graduação que têm interesse em fazer estágio

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO RESOLUÇÃO DA COMISSÃO DE GRADUAÇÃO Nº XX DE XXXXXX DE XXXX Dispõe sobre normas gerais para as atividades complementares dos cursos de formação interdisciplinar da Universidade Federal do ABC A (CG) da

Leia mais

EDITAL Nº 001/2015. Processo de Seleção de Candidatos à Bolsas de Estudos para Pós-Graduação Lato e Stricto Sensu Especialização, Mestrado

EDITAL Nº 001/2015. Processo de Seleção de Candidatos à Bolsas de Estudos para Pós-Graduação Lato e Stricto Sensu Especialização, Mestrado EDITAL Nº 001/2015 Processo de Seleção de Candidatos à Bolsas de Estudos para Pós-Graduação Lato e Stricto Sensu Especialização, Mestrado A Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas - PROGEPE por meio da Diretoria

Leia mais

EDITAL PIBID/CAPES/UNIFEB n.01 /2016

EDITAL PIBID/CAPES/UNIFEB n.01 /2016 EDITAL PIBID/CAPES/UNIFEB n.01 /2016 SELEÇÃO DE ESTUDANTES DOS CURSOS DE LICENCIATURAS DO INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO ISE, DO CENTRO UNIVERSITÁRIO DA FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE BARRETOS UNIFEB, PARA O

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS RESOLUÇÃO Nº. 69 DE 21 DE JUNHO DE 2012. O CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA, EXTENSÃO E CULTURA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS, no uso de suas atribuições legais e considerando o Parecer nº. 32/2012

Leia mais

CONSELHO CIENTÍFICO-ADMINISTRATIVO DA FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA DO ESPÍRITO SANTO

CONSELHO CIENTÍFICO-ADMINISTRATIVO DA FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA DO ESPÍRITO SANTO CONSELHO CIENTÍFICO-ADMINISTRATIVO DA FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA DO ESPÍRITO SANTO RESOLUÇÃO CCAF Nº 040, de 15 de Junho de 2011 BOLSAS DE MESTRADO E DOUTORADO 1. FINALIDADE Concessão de bolsas de mestrado

Leia mais

EDITAL n. 021/2014/DACE/PROEAC/UNIFAP, de 09 de julho de 2014

EDITAL n. 021/2014/DACE/PROEAC/UNIFAP, de 09 de julho de 2014 EDITAL n. 021/2014/DACE/PROEAC/UNIFAP, de 09 de julho de 2014 A Pró-Reitoria de Extensão e Ações Comunitárias - PROEAC, por intermédio de seu Departamento de Ações Comunitárias e Estudantis, tornam públicas

Leia mais

EDITAL Nº 001 / 2008

EDITAL Nº 001 / 2008 PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS EDITAL Nº 001 / 2008 A comunica aos interessados que estão abertas as inscrições para seleção simplificada de candidatos(as) para preencher cadastro reserva para contratação

Leia mais

EDITAL INTERNO FAP Nº 001/2015 DISPÕE SOBRE A INSCRIÇÃO E SELEÇÃO DE CANDIDATOS PARA ESTÁGIO PROFISSIONALIZANTE EM PSICOLOGIA/FAP

EDITAL INTERNO FAP Nº 001/2015 DISPÕE SOBRE A INSCRIÇÃO E SELEÇÃO DE CANDIDATOS PARA ESTÁGIO PROFISSIONALIZANTE EM PSICOLOGIA/FAP EDITAL INTERNO FAP Nº 001/2015 DISPÕE SOBRE A INSCRIÇÃO E SELEÇÃO DE CANDIDATOS PARA ESTÁGIO PROFISSIONALIZANTE EM PSICOLOGIA/FAP A Diretora Geral da Faculdade de Pimenta Bueno no uso de suas atribuições

Leia mais