TALMUD DE JMMANUEL ESTA TRADUÇÃO NÃO É OFICIALMENTE AUTORIZADA POR BILLY EDUARD ALBERT MEIER.

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "TALMUD DE JMMANUEL ESTA TRADUÇÃO NÃO É OFICIALMENTE AUTORIZADA POR BILLY EDUARD ALBERT MEIER."

Transcrição

1 1 TALMUD DE JMMANUEL ESTA TRADUÇÃO NÃO É OFICIALMENTE AUTORIZADA POR BILLY EDUARD ALBERT MEIER. O TRADUTOR DA OBRA UTILIZOU A VERSÃO EM INGLÊS, E NÃO DA LÍNGUA ALEMÃ, DO LIVRO TALMUD OF JMMANUEL PARA ESTA TRADUÇÃO EM PORTUGUÊS TRADUÇÃO DOS PERGAMINHOS ESCRITOS EM ARAMÁICO, ESCRITOS POR JUDAS ISCARIOTES, O DISCÍPULO DE JMMANUEL, DESCOBERTOS EM 1963, EM JERUSALÉM, POR EDUARD ALBERT MEIER NA VERDADEIRA SEPULTURA ONDE JAZEU JMMANUEL POR TRÊS DIAS. TRANSLATED FROM THE TALMUD OF JMMANUEL THE CLEAR TRANSLATION IN ENGLISH AND GERMAN THIRD EDITION - WILD FLOWER PRESS UPDATED ENGLISH TRANSLATION AND REVISION 2001 BY DIETMAR ROTHE, JAMES DEARDORF, CHRISTIAN FREHNER, BRIAN CRISSEY, HEIDI-LORE Die klare Übersetzung in englisch deutsch Dritte Ausgabe Übersetzung der aramäischen Schriftrolen, die von Judas Iscarioth, dem Jünger Jmmanuels geschriebeb wurden und die 1963 von Eduard Albert Meier im Grab entdeck wurden, in dem Jmmanuel während drei Tagen gelegen hatte Ins Deutsche übersetzt von Isa Rachid und <Billy> Eduard Albert Meier. Ins Englische übersetzt von Julie H. Ziegler un B. L. Greene Auf den neusten Stand gebrachte englische Übersetzung un revision 2001 von Dietmar Rothe, James Deardorff, Christian Frehner, Brian Crissey, Heidi-Lore und Robert E. Peters Dieser is nicht autorisierte Übersetzung bis sein Buch Verleger Herr Billy Meier es geben nicht mir autorisierte fur die portugiesisch Sprache. EDELWEISS.- UM AMIGO DA VERDADE TRADUTOR DO TALMUD DE JMMANUEL EM LÍNGUA PORTUGUESA. SEGUNDA-FEIRA - 2 DE DEZEMBRO DE UMA LINDA E ENSOLARADA CIDADE NO INTERIOR DE SÃO PAULO

2 2 Reconhecimentos Para a materialização deste pequeno livro eu desejo expressar minha sincera gratidão às formas espirituais de Petale e Arahat Athersata. E ainda, minha gratidão se estende aos meus professores de toda a minha vida e meus amigos Sfath, Asket, Semjase, Quetzal, e Ptaah, etc. que se interessaram por mim de maneira amável e me ensinaram grande conhecimento, de modo a preparar-me para a minha importante e difícil tarefa. Que minha gratidão os alcance através das distâncias imensuráveis, capacitando-me então a manter uma memória duradoura. Este livro é dedicado, sem distinção, a todos os seres humanos do Universo inteiro. Que ele possa ser uma forma de valor espiritual para todos eles e que possa expedir o progresso da evolução, o verdadeiro e legal amor que emana da Criação, harmonia e verdade e para alcançar o verdadeiro conhecimento, sabedoria e paz. Eu também expresso os meus agradecimentos ao descobridor da sepultura onde Jmmanuel jazeu, e ao tradutor do texto que encontrei, bem como a minha querida esposa Kalliope, e meus filhos Gilgamesha, Atlantis-Sokrates e Methusalém, com cuja companhia e amor eu fui capaz de realizar minha difícil tarefa e continuar a realizá-la no futuro. E também agradeço as seguintes pessoas que ficaram ao meu lado enquanto efetuava minha difícil tarefa, que deram valorosos serviços e tornaram possível a publicação do trabalho: Sr. Walder, Senhorita Flammer, Senhorita Stetter, Senhora Moser, J. Bertschinger, a família Wächter, H. Runkel, H. Proch, B. Brand, H. Schutsbach, a família ventura, Senhorita Rufer, E. e G. Moosbrugger, Senhora Koye, S Lehmann, A.Kropf, Ph. e W. Stuber, B e H. Lanzendorfer, P. Petrizzo, A Schubiger, M. Brügger, E. Beldi, S. Holler, A. Bieri, E. Bieri, H. Benz, E. Gruber, L. Memper, Ch. Frehner, Ch. Gasser, B. Keller. Billy Eduard Albert Meier. Estamos profundamente agradecidos ao Dr. James W. Deardorff por sua detalhada investigação a respeito da genuinidade das versões em alemão do Talmud de Jmmanuel de 1978 e 2001, que capacitou a clara e consistente tradução que está diante de você. Adicionalmente, agradecemos Eduard Meier, por seu prévio encorajamento de nossos esforços e sua confiança em nossa capacidade. Agradecemos ao nosso capacitado advogado, cuja cuidadosa preparação e análise as implicações legais nos encorajaram a publicação deste controverso documento. Finalmente, gostaríamos de expressar nossa gratidão a todas aquelas pessoas que, através de sua confiança em nós e sua paciência conosco, tornou possível este trabalho Wild Flower Press

3 3 PREFÁCIO Em 1963 o texto apresentado neste livro foi descoberto por Billy Eduard Albert Meier na forma de pergaminhos envolvidos em resina para a sua preservação, depois que um padre Católico Grego de nome Isa Rashid ter descoberto a verdadeira caverna sepulcral de Jmmanuel (que foi erroneamente chamado de Jesus Cristo). Escrito em forma literária, na língua aramáica antiga, o documento foi enterrado sob uma pedra achatada no sepulcro. Foi o desejo de Rashid que o seu nome não fosse publicado. Ele temia, e corretamente, que fosse perseguido pela Igreja e pelos israelitas e talvez até mesmo fosse assassinado, uma possibilidade que, infelizmente, mais tarde, tornou-se realidade. O autor original dos pergaminhos foi contemporâneo e discípulo de Jmmanuel e era conhecido pelo nome de Judas Iscariotes. Por aproximadamente 2000 anos ele foi erradamente denunciado como o traidor de Jmmanuel, embora ele nada tinha a ver com a traição. Esse horrível ato foi na verdade executado por Judá Ihariotes, o filho de um Fariseu. De modo a salvaguardar a sua heresia ameaçada, o ainda dominante, ortodoxo, e conservador clero de hoje, e seus ingênuos seguidores, provavelmente, irão tentar negar os pergaminhos, destruir este livro, e denunciá-lo como mentiras, assim como fizeram o com muitos outros escritos antigos que davam testemunho à verdade. (Veja, por exemplo os livros de Enoque e o Jezihra, entre outros, que foram removidos da Bíblia porque eram muito próximos da verdade quando lidos). Assim como antes, acontecerá novamente que os escritos serão atacados e, provavelmente, retirados de circulação. Provavelmente, acontecerá que pressões partindo de muitos lados serão exercidas ao editor dos escritos, ou ele poderá ser perseguido ou assassinado de modo a preservarem a verdadeira religião. (Três tentativas em sua vida foram feitas em 1976, sendo que uma mesmo na presença de testemunhas. Ao final de 1990 o número de tentativas de assassinato haviam aumentado para 13.) Certamente, muitos esforços serão feitos para se induzir a policia, autoridades, promotores públicos, juizes e tribunais de todas as espécies para proibirem este livro, para ridicularizá-lo, para repudiá-lo ou suprimi-lo, ações essas que não destratarão um só iota de sua veracidade. Os obscurantistas no poder certamente procederão com toda a circunspecção, habilidades e intrigas para que o documento seja repudiado, denunciado como fraude e suprimido, assim como foi o caso com as publicações de outros escritos cujas escrituras foram, contudo, escondidas na Biblioteca do Vaticano, em Roma. Mas seguirá também o clamor contra o texto partindo dos fanáticos religiosos e outras pessoas desencaminhadas que desejarão procederem por todos os meios contra a sua existência e a de seu editor. Sempre foi assim, como todos sabem não existe timidez quando se trata de assassinato, ou qualquer coisa similar. O editor está muito bem familiarizado com este fato, e, consequentemente tomou as precauções necessárias. Mas o Santo Ministério, a Santa Sé em Roma, e o Papa, sempre tomaram os devidos passos para construírem ou salvaguardarem o culto religioso errôneo do Cristianismo. Nesta conexão, os leitores só precisam pensar na Santa Inquisição (que foi ordenada pela Santa Sé ), sob cujo comando milhões de pessoas, somente na Europa, foram brutalmente chacinadas, torturadas, e assassinadas. O número de assassinatos relatados praticados pela Santa Sé somam nove milhões de pessoas durante a Inquisição, enquanto ao número não documentado acrescente-se pelo menos mais outros nove milhões.

4 A tradução nos dá fortes evidências que as doutrinas heréticas das religiões de culto manipularam a verdade e que elas são as irresponsáveis maquinações de homens inescrupulosos, alguns dos quais foram contratados pela Santa Sé. Outros foram tolos, fanáticos, num demente estado de consciência, ou seres humanos com fome pelo poder que, sem hesitação ou escrúpulos, desencaminharam a humanidade por milhares de anos, derramando o sangue de milhões por meio do assassinato. Além disso, os descendentes desses homens assassinos e inescrupulosos estabeleceram ao longo de séculos e milênios uma poderosa força culto religiosa capaz de reger sobre a humanidade. No decorrer do milênio passado as religiões de culto cruelmente, e através de sanguinários e brutais assassinatos, lutaram pelo seu caminho para se tornarem as mais poderosas forças da Terra, para as quais mesmo os mais brutais governos ditatoriais se curvaram e ainda se curvam. Religião de culto: O mais sórdido pretexto do poder máximo em nome do falso e mentiroso amor que literalmente caminha sobre cadáveres, sem hesitação ou escrúpulos. Apoiada pela falsa doutrina do Novo Testamento, o culto religioso Cristão intromete-se na política de todos os países. E além disso, não se envergonha em interferir na mais íntima vida familiar dos seres humanos até mesmo na cama de parceiros casados de modo a atacar até mesmo ali e destruir o derradeiro e mais privado segredo dos seres humanos. Agora chegou a hora em que um basta pode ser dado a todas estas atividades inescrupulosas, se o homem tornar-se sensível o suficiente, revisar os seus pensamentos e devotar a si próprio aos verdadeiros ensinamentos de Jmmanuel. Do mesmíssimo modo, todos aqueles que batem as suas cabeças contra os tijolos das paredes da enganosa loucura dos cultos religiosos e não são, portanto, capazes de um pensamento normal e sensível, irão combater e se oporem contra isso com todos os meios; e ainda assim, a sua luta desesperada será em vão porque a verdade será mais forte do que qualquer mania dos cultos religiosos ou mentiras sujas, embora a mentira esteja em existência por milhares de anos. As escandalosas falsidades dos cultos religiosos serão despedaçadas e destruídas para sempre, não importando o quanto os cultos religiosos e todos os seus seguidores e advogados se rebelem contra isso. Finalmente a verdade será vitoriosa, embora ela deva ser assegurada por meio de grandes esforços, assim como foi escrito nas Escrituras, que diz que a verdade irá provocar uma catástrofe mundial. Entretanto, a verdade se faz necessária e não pode mais ser silenciada. Uma catástrofe será compreensível se consideramos que os cultos religiosos alcançaram imenso poder, que até agora os capacitaram a suprimirem, por meios assassinos e sórdidos, todas as verdades direcionadas contra eles. Eles novamente tentarão fazer isso, mesmo que tiverem que cederem ao assassinato como freqüentemente foi o caso no passado. Por essa razão, o editor desta obra correrá o risco de ser perseguido por ordem dos cultos religiosos, fanáticos particulares, e membros de seitas, para ser assassinado ou ser entregue aos tribunais. Disso tudo, que os seres da Terra finalmente percebam o que são os cultos religiosos e com que tipo de meios sanguinários eles combatem a verdade, pois é somente desta maneira que são capazes de manterem seu poder completo e controlarem os seres humanos escravizados. Deve ser apontado aqui enfaticamente que os seguidores e defensores dos verdadeiros ensinamentos de Jmmanuel correm tanto risco quanto o próprio editor deste documento. Entretanto, o editor corre muito mais perigo pois ele é o homem contato de inteligências extraterrestres e de entidades espirituais altamente desenvolvidas em planos superiores que transmitem à ele VERDADEIROS 4

5 ensinamentos espirituais que ele dissemina sem modificações, expondo então, as mentiras dos cultos religiosos, e que os levarão a sua lenta mas certa erradicação. Isa Rachid, o descobridor da caverna sepulcral e tradutor dos pergaminhos originais, ficou igualmente em perigo, de modo que anos mais tarde ele tomou a precaução de retirar-se da Igreja para viver incógnito em algum lugar junto com a sua família que ele formou nesse ínterim. Consciente do imenso poder dos cultos religiosos, ele desejou ocultar o seu próprio nome e os pergaminhos originais do público. Ele, corretamente, temia por sua vida e por aqueles de sua amada família, todos os quais se tornaram vítimas dos perseguidores dos cultos religiosos, pelos quais foram assassinados. Muito antes disso ocorrer, Rashid, sob o selo do segredo que seu nome não fosse mencionado, entregou a tradução dos pergaminhos ao seu bom amigo, o editor, Eduard Meier. Mas não foi até 1974 que Meier, por sua vez, recebeu permissão do plano de Arahat Athersata para que fizesse com que a tradução dos pergaminhos se tornasse acessível aos círculos de interessados. Em 1963, Rashid por várias ocasiões levou seu amigo, Eduard Meier, ao verdadeiro sepulcro de Jmmanuel, que estava praticamente preenchido por areia e detritos. No decorrer da escavações Meier, subseqüentemente, encontrou vários itens que confirmaram o conteúdo dos escritos. Infelizmente deve ser mencionado que o documento não está mais completo, já que várias partes dos pergaminhos eram completamente ilegíveis e deteriorados. Além disso, alguns foram obviamente perdidos. Contudo, o que foi preservado nos dá o chocante testemunho que no decorrer de dois milênios uma infame e falsa doutrina, uma teia de mentiras sem igual, foi manufaturada em torno da pessoa de Jmmanuel de modo a erigir um poderoso culto religioso para inescrupulosamente escravizarem os seres humanos da Terra. É muito raro que um indivíduo seja bem sucedido ao publicar temas e verdades que esclareçam conexões casuais, ou que pelo menos nos dê alguma luz sobre elas quando elas pertencem aos cultos religiosos ou a assuntos políticos. A prática existente nos prova que, como regra geral, tais seres humanos foram inescrupulosamente perseguidos, torturados e assassinados. Forças chamadas a dianteira prontamente aparecem, sabendo como colocarem os conteúdos verdadeiros de uma declaração sob a penumbra. Para elas, quaisquer meios são justificáveis para transformarem a verdade numa caricatura. Mas isso não é tudo, porque tão logo algo seja publicado e disseminado, que clarifique alguma relação casual com as verdades concernentes aos cultos religiosos ou assuntos políticos, então, as publicações são retiradas de circulação com a ajuda do clero, da polícia, das agências do governo, dos tribunais, dos poderosos cultos religiosos e seus fanáticos seguidores. As publicações são salvaguardadas, ou destruídas, para que possam continuar a privarem o ser humano da verdade real, deixando-o morrer de fome e perecer penosamente na miséria dos pensamentos falsos e dos ensinamentos falsos, porque é somente assim fazendo que ele poderá ser muito mais explorado até a última gota de seu sangue, particularmente pelos governos e pelos cultos religiosos. A versão em língua alemã do Talmud de Jmmanuel não corresponde às traduções originais do aramáico antigo pois Isa Rachid não dominava a língua alemã o suficiente nem estava familiarizado com a codificação da Missão ao ponto que ele pudesse ter organizado a versão em língua alemã. A versão em língua alemã representa na verdade uma cópia da tradução do aramáico antigo, Mas numa forma que foi corrigida por Eduard Albert Meier e suprida com o código necessário para a Missão. (Nota: a língua nativa de Billy é o alemão). Assim, a versão em alemão representa um produto 80% do estilo e estrutura das sentenças que foram concluídas por Eduard Albert Meier, enquanto os 20% restantes devem ser considerados como os esforços da tradução de Isa Rachid. 5

6 Para fazer com que a versão em alemão fosse escrita corretamente, de acordo com a antiga forma lingüística bem como o codex necessário para a Missão, levou aproximadamente mais de quatro vezes o trabalho e a energia requeridos para a tradução do aramáico antigo. O editor, BILLY EDUARD ALBERT MEIER. 6 NOTA DO TRADUTOR BRASILEIRO: QUERIDOS LEITORES CHEGOU A HORA DA VERDADE! Nos idos de 2000 e 2001 eu tive uma série de sonhos repetitivos, vívidos e verdadeiros, onde me pediam para pesquisar a respeito do nome Immanuel ou Emmanuel, e pediam-me para olhar na Bíblia e ler Revelações a respeito de uma tal estrela da manhã ou estrela matutina. Na época, não entendi absolutamente nada! Mas o resultado é que cheguei até Billy Eduard Albert Meier e descobri a obra o Talmud de Jmmanuel. Esta apresentação do Talmud de Jmmanuel em língua portuguesa foi feita com a única e exclusiva finalidade de levar as verdadeiras e severas palavras do ser humano comum, filho de um ser humano extraterrestre e, de Maria, uma mulher humana terrestre, este homem que se chamava Jmmanuel, cujo nome foi perversamente trocado para Jesus Cristo por Saulo/Paulo de Tarso. O objetivo desta publicação em português é de pôr um derradeiro PONTO FINAL, para todo o sempre, nas mentiras, nas loucuras, nos desatinos, nas falsificações, nas explorações, enganações e nas ilusões de todos os tipos e espécies causadas pelos cultos religiosos de todos os tipos e espécies. O Talmud de Jmmanuel veio à luz da VERDADE para destruir com todas as mentiras, as ilusões e auto ilusões, enganações, falsidades, e charlatanice, de cada um dos mentirosos religiosos. Aconselho a cada um de vocês que irão ler o Talmud de Jmmanuel que o leiam por completo passagem por passagem, sentem-se com a sua Bíblia de preferência do lado e comparem passagem por passagem para verem com os seus próprios olhos a desgraça, a miséria, e a desordem que trouxeram ao Planeta Terra ao falsificarem as verdadeiras palavras de Jmmanuel. Tenham a mente aberta, de buscador da verdade. Olhem em torno de si mesmos e percebam o por quê do Planeta Terra estar vivendo toda esta coisa imunda e hedionda chamada religião cristã que por sua vez gerou todas as outras tolices e loucuras relacionadas acima. Leiam os mentirosos e falsificadores chamados: Mateus, Marcos, Lucas, e João, pois todos eles tiveram acesso aos pergaminhos originais do Talmud de Jmmanuel (originais ou cópias destes) alterando absurdamente as passagens com loucuras e falsidades, e ainda, leiam o louco e demente do Saulo/Paulo de Tarso - Atos dos Apóstolos e Cartas de Paulo - e comparem, vejam, sintam, e entendam o que é a MENTIRA e a ilusão completa em tuas mentes, almas corpos, e espíritos por todos esses anos. Eu, B. UM AMIGO DA VERDADE, dediquei todo o meu esforço, toda a minha alma, e os meus conhecimentos de buscador da verdade na tradução deste trabalho, com o único e exclusivo objetivo de dedicá-lo a CADA UM DE VOCÊS pois, afinal, eu também, um dia, fui UM de vocês. B. : O TRADUTOR DO TALMUD DE JMMANUEL De uma linda e ensolarada cidade no interior de São Paulo Brasil 2 de Dezembro de 2002.

7 7 E ASSIM É! Retrato de Jmmanuel conforme descrito por Semjase O retrato da página anterior é de Jmmanuel, conhecido pela maioria da pessoas como Jesus Cristo. Foi preparado por uma mulher desenhista do Vale do Reno, Suíça, em Dezembro de 1976 conforme um esboço desenhado por Semjase, a piloto de uma beamship (nave), cujo planeta, Erra, nas Plêiades (Plejares), está aproximadamente à 500 anos luz de nosso sistema solar. A grafia do nome Jmmanuel com um J não é engano, pois de acordo com os Plejarans, este nome é datado da época de seus ancestrais, que escreviam o nome de Jmmanuel, na linguagem escrita, com um J. Nota do tradutor: O nome Jmmanuel é escrito desta forma em aramáico: Comparações desta imagem (na página anterior) com o Santo Sudário de Turim, preservado pelo Vaticano, revela claramente que o retrato reproduzido aqui não é idêntico as características no sudário, que supostamente mostra a imagem de Jmmanuel na época de sua crucificação. ESTE LIVRO CONTÉM OS DIÁLOGOS COMPLETOS DE JMMANUEL COMPARADOS COM OS DIÁLOGOS DO NOVO TESTAMENTO COMPARE CADA DIÁLOGO POR SI MESMO(A) E ENTENDA. O LIVRO ORIGINAL TALMUD OF JMMANUEL NÃO CONTÉM ESSAS COMPARAÇÕES, QUE FORAM APLICADAS PELO TRADUTOR DA OBRA EM PORTUGUÊS. PARA FACILITAR A COMPREENSÃO DO LEITOR. Nota do Trad: Anjo guardião é um(a) auxiliar, um(a) supervisor(a), um ser humano normal e cientista muito avançado(a) tecnológicamente e espiritualmente e não tem nada a ver com anjo na concepção religiosa/cristã. Filhos Celestiais, ou anjos guardiões, são os (as) auxilares de um Jshwsh, que também não se trata de deus segundo a concepção religiosa. Jshwsh ou Rei da Sabedoria é simplesmente um título para aquele ser humano que atingiu o grau máximo de evolução espiritual e que um ser humano pode alcançar quando encarnado e seu título é conhecido como deus ou Jshwsh.

8 8 Capítulo 1 A GENEALOGIA DE JMMANUEL TJ 1:1 Este é o livro e os ensinamentos de Jmmanuel, que é chamado de aquele com o conhecimento de deus, que é um filho de José, neto de Jacó, descendente distante de Davi, que foi descendente de Abraão, cuja linhagem remonta a Adão, o pai de uma das raças humanas da Terra. Adão foi gerado por Semjasa, o líder dos filhos celestiais que eram os anjos guardiões de deus, o grande regente daqueles que viajaram de lugares distantes. Nota: *O título deus não será sempre escrito com letra maiúscula a não ser quando se referir ao Deus judaico-cristão: que NÃO EXISTE!!! TJ 1:2 Semjasa, o filho celestial e anjo guardião de deus, o grande regente dos viajantes que viajaram para cá através de vastas extensões do Universo, tomou de uma mulher terrestre e gerou Adão, o pai da população humana branca. TJ 1:3 Adão tomou para si uma mulher da Terra e gerou Sete. TJ 1:4 Sete gerou Enos. TJ 1:5 Enos gerou Akjbeel. TJ 1:6 Akjbeel gerou Aruseque. TJ 1:7 Aruseque gerou Kenan. TJ 1:8 Kenan gerou Mahalaleel. TJ 1:9 Mahalaleel gerou Urakjbarameel. TJ 1:10 Urakjbarameel gerou Jarede. TJ 1:11 Jarede gerou Enoque. TJ 1:12 Enoque gerou Matusalém. TJ 1:13 Matusalém gerou Lameque. TJ 1:14 Lameque gerou Tamjel. TJ 1:15 Tamjel gerou Danel. TJ 1:16 Danel gerou Asael. TJ 1:17 Asael gerou Samsafeel. TJ 1:18 Samsafeel gerou Jomjael. TJ 1:19 Jomjael gerou Turel. TJ 1:20 Turel gerou Hameque. TJ 1:21 Hameque gerou Noé. TJ 1:22 Noé gerou Sem. TJ 1:23 Sem gerou Arpachade. TJ 1:24 Arpachade gerou Batraal. TJ 1:25 Batraal gerou Ramuel. TJ 1:26 Ramuel gerou Askeel. TJ 1:27 Askeel gerou Armers. TJ 1:28 Armers gerou Salá. TJ 1:29 Salá gerou Eber. TJ 1:30 Eber gerou Peleg. TJ 1:31 Peleg gerou Regu. TJ 1:32 Regu gerou Serug. TJ 1:33 Serug gerou Araseal. TJ 1:34 Araseal gerou Naor. TJ 1:35 Naor gerou Thara. TJ 1:36 Thara gerou Abraão. TJ 1:37 Abraão gerou Jsaque. TJ 1:38 Jsaque gerou Jacó. TJ 1:39 Jacó gerou Judá. TJ 1:40 Judá gerou Ananj. TJ 1:41 Ananj gerou Ertael. TJ 1:42 Ertael gerou Perez.

9 9 TJ 1:43 Perez gerou Hezron. TJ 1:44 Hezron gerou Ram. TJ 1:45 Ram gerou Amjnadabe. TJ 1:46 Amjnadabe gerou Savebe. TJ 1:47 Savebe gerou Nahesson. TJ 1:48 Nahesson gerou Sahná. TJ 1:49 Sahná gerou Boas. TJ 1:50 Boas gerou Obede. TJ 1:51 Obede gerou Jessé. TJ 1:52 Jessé gerou Davi. TJ 1:53 Davi gerou Salomão. TJ 1:54 Salomão gerou Asa. TJ 1:55 Asa gerou Gadaeel. TJ 1:56 Gadaeel gerou Josafá. TJ 1:57 Josafá gerou Jorão. TJ 1:58 Jorão gerou Armeneel. TJ 1:59 Armeneel gerou Usja. TJ 1:60 Usja gerou Jothan. TJ 1:61 Jothan gerou Gadreel. TJ 1:62 Gadreel gerou Ahás. TJ 1:63 Ahás gerou Jsiquias. TJ 1:64 Jsiquias gerou Manasse. TJ 1:65 Manasse gerou Amon. TJ 1:66 Amon gerou Josjas. TJ 1:67 Josjas gerou Jojaquim. TJ 1:68 Jojaquim gerou Salathjel. TJ 1:69 Salathjel gerou Jequm. TJ 1:70 Jequm gerou Serubabel. TJ 1:71 Serubabel gerou Abjúde. TJ 1:72 Abjúde gerou Eljaqujm. TJ 1:73 Eljaqujm gerou Asor. TJ 1:74 Asor gerou Zadoque. TJ 1:75 Zadoque gerou Achjim. TJ 1:76 Achjm gerou Eljude. TJ 1:77 Eljude gerou Eleasar. TJ 1:78 Eleasar gerou Mathan. TJ 1:79 Mathan gerou Jacó. TJ 1:80 Jacó gerou José. (Conforme o Talmud 77 gerações) A GENEALOGIA FALSA FEITA PELO SUPOSTO AUTOR MATEUS NÃO ESTÁ CORRETA!!! FALTAM GERAÇÕES! FALSIFICADOR DA VERDADE! TODOS OS TEXTOS ESCRITOS POR MATEUS FORAM ALTERADOS, FALSIFICADOS E INVENTADOS PELO PRÓPRIO MATEUS E/OU GRUPOS DE FARISEUS E ESCRIBAS. Mat. 1:1 Livro da genealogia de Jesus Cristo, filho de Davi, filho de Abraão. Mat. 1:2 A Abraão nasceu Isaque; a Isaque nasceu Jacó; a Jacó nasceram Judá e seus irmãos; Mat. 1:3 a Judá nasceram, de Tamar, Farés e Zará; a Farés nasceu Esrom; a Esrom nasceu Arão; Mat. 1:4 a Arão nasceu Aminadabe; a Aminadabe nasceu Nasom; a Nasom nasceu Salmom; Mat. 1:5 a Salmom nasceu, de Raabe, Booz; a Booz nasceu, de Rute, Obede; a Obede nasceu Jessé; Mat. 1:6 e a Jessé nasceu o rei Davi. A Davi nasceu Salomão da que fora mulher de Urias;

10 Mat. 1:7 a Salomão nasceu Roboão; a Roboão nasceu Abias; a nasceu Abias nasceu Asafe; Mat. 1:8 a Asafe nasceu Josafá; a Josafá nasceu Jorão; a Jorão Ozias; Mat. 1:9 a Ozias nasceu Joatão; a Joatão nasceu Acaz; a Acaz nasceu Ezequias; Mat. 1:10 a Ezequias nasceu Manassés; a Manassés nasceu Amom; a Amom nasceu Josias; Mat. 1:11 a Josias nasceram Jeconias e seus irmãos, no tempo da deportação para Babilônia. Mat. 1:12 Depois da deportação para Babilônia nasceu a Jeconias, Salatiel; a Salatiel nasceu Zorobabel; Mat. 1:13 a Zorobabel nasceu Abiúde; a Abiúde nasceu Eliaquim; a Eliaquim nasceu Azor; Mat. 1:14 a Azor nasceu Sadoque; a Sadoque nasceu Aquim; a Aquim nasceu Eliúde; Mat. 1:15 a Eliúde nasceu Eleazar; a Eleazar nasceu Matã; a Matã nasceu Jacó; Mat. 1:16 e a Jacó nasceu José, marido de Maria, da qual nasceu JESUS, que se chama Cristo. (O suposto Mateus alterou a genealogia!!!) Mat. 1:17 De sorte que todas as gerações, desde Abraão até Davi, são catorze gerações; e desde Davi até a deportação para Babilônia, catorze gerações; e desde a deportação para Babilônia até o Cristo, catorze gerações. (É FALSA ESTA GENEALOGIA!) TJ 1:81 José, era o marido de Maria, a mãe de Jmmanuel, que foi engravidada por um descendente distante de um filho celestial, Rasjel, que era o anjo guardião do conhecimento secreto. Mat.1:18 Ora, o nascimento de Jesus Cristo foi assim: Estando Maria, sua mãe, desposada com José, antes de se ajuntarem, ela se achou ter concebido do Espírito Santo.(Esta passagem supostamente de Mateus não é verdadeira! Foi Alterada!). TJ 1:82 Quando José ouviu que Maria fora engravidada secretamente por um descendente dos filhos celestiais da linhagem de Rasjel eis que ele ficou cheio de ira e pensou em deixar Maria antes que se casasse com ela diante povo. Mat.1:20 E, projetando ele isso, eis que em sonho lhe apareceu um anjo do Senhor, dizendo: José, filho de Davi, não temas receber a Maria, tua mulher, pois o que nela se gerou é do Espírito Santo; (Esta passagem supostamente de Mateus não é verdadeira! Foi Alterada!) TJ 1:83 Enquanto José pensava desta maneira, eis que um anjo guardião, enviado por Gabrjel, o filho celestial que havia engravidado Maria, apareceu e disse: Mat. 1:21 ela dará à luz um filho, a quem chamarás JESUS; porque ele salvará o seu povo dos seus pecados.(esta passagem supostamente de Mateus não é verdadeira! Foi Alterada!) TJ 1:84 José, Maria é tua noiva e deves tornar-te seu marido; não a deixes, porque o fruto de seu ventre foi escolhido para um grande propósito. Casa-te com ela abertamente, de modo que vos torneis marido e mulher diante das pessoas. TJ 1:85 Vede, a gravidez de Maria ocorreu onze mil anos após a procriação de Adão, pelo filho celestial Semjasa, para que se cumprisse a palavra de deus, regente daqueles que viajaram de lugares distantes, que trouxe essas palavras através do profeta Isaías: TJ 1:86 Vede, uma virgem será engravidada por um filho celestial antes que ela se case com um homem diante do povo. Mat. 1:23 Eis que a virgem conceberá e dará à luz um filho, o qual será chamado EMANUEL, que traduzido é: Deus conosco.( Não está correta esta passagem!) Mat. 1:24 E José, tendo despertado do sono, fez como o anjo do Senhor lhe ordenara, e recebeu sua mulher; TJ 1:87 Eles darão ao fruto de seu ventre o nome de Jmmanuel, que traduzido significa aquele com o conhecimento de deus, como símbolo e honra à deus. Com o poder de deus, e os cuidados providenciais, a Terra foi feita para gerar vida humana inteligente, quando os filhos celestiais, os viajantes das distâncias do Universo, copularam com as mulheres da Terra. Mat. 1:25 e não a conheceu enquanto ela não deu à luz um filho; e pôs-lhe o nome de JESUS.(Não está correta esta passagem, supostamente de Mateus. Foi alterada!) TJ 1:88 Vede, deus e seus seguidores vieram de longe, das profundezas do espaço, de onde se livraram de fortes laços escravizantes, e criaram aqui uma nova raça humana e lar, com antigas mulheres desta Terra. TJ 1:89 Deus merece ser honrado pelas pessoas da Terra, pois, vede, foi ele verdadeiramente quem deu origem as raças humanas brancas e escuras da Terra, e a ele honras devem ser dadas. 10

11 TJ 1:90 Com exceção dele nada há que se iguale em forma a essas linhagens humanas criadas por ele. Além dele, portanto, as pessoas não deverão ter outros deuses, que criaram outras linhagens humanas em outras partes da Terra. TJ 1:91 Com exceção de deus, não há nada que se compare em forma que mereça adoração. Acima dele e de seus filhos celestiais reina apenas a onipotência de toda a Criação: a própria Criação, que deve ser reverenciada. TJ 1:92 Portanto, vede! Sobre a Terra reina deus, o senhor dos filhos celestiais e dos povos de linhagem terrestre de cor branca e escura. TJ 1:93 Deus é quem concede as leis para estas populações, e, portanto, seus desejos devem ser realizados por cada homem e mulher. TJ 1:94 Deus, o senhor, é generoso em seu amor, mas também é terrível em sua ira quando suas leis são desobedecidas. TJ 1:95 A gravidez de Maria é a lei de deus, e tu José, deve ser seu marido em matrimônio. O NASCIMENTO DE JMMANUEL TJ 1:96 Contudo, quando José ouviu isso ele se preocupou com sua devoção às leis de deus, então trouxe Maria para casa e casou-se com ela diante do povo. Mat. 1:24 E José, tendo despertado do sono, fez como o anjo do Senhor lhe ordenara, e recebeu sua mulher; TJ 1:97 Nesta época, saiu um decreto do Imperador Augustus, no qual todo o mundo deveria ser contado. Lucas 2:1 Naqueles dias saiu um decreto da parte de César Augusto, para que todo o mundo fosse recenseado. (O suposto Mateus omitiu esta passagem e Lucas também leu o Talmud original) TJ 1:98 Este recenseamento era o primeiro deste tipo e ocorreu na época em que Quirínio era o governador da Síria. Lucas 2:2 Este primeiro recenseamento foi feito quando Quirínio era governador da Síria. Nota: em latim Cireneus = Quirínio. TJ 1:99 Todos saíram para serem recenseados, cada um em sua própria cidade. Lucas 2:3 E todos iam alistar-se, cada um à sua própria cidade. (Lucas leu também o Talmud de Jmmanuel original e Mateus omitiu esta passagem!) TJ 1:100 José da Galiléia, da cidade de Nazaré, também foi com sua esposa Maria, para as terras judaicas, para a cidade de Davi, que é chamada Belém, pois ele era da casa e da linhagem de Davi. Lucas 2:4 Subiu também José, da Galiléia, da cidade de Nazaré, à cidade de Davi, chamada Belém, porque era da casa e família de Davi, (O suposto Mateus omitiu esta passagem!) TJ 1:101 De modo a ser recenseado com sua esposa, Maria, que estava grávida do filho celestial Gabrjel, da linhagem de Rasjel. Lucas 2:5 a fim de alistar-se com Maria, sua esposa, que estava grávida. (Lucas também leu o Talmud original. É também outro falsificador da verdade! Fariseu e escriba enganador! Mateus omitiu esta passagem!) TJ 1:102 Quando eles lá estavam, chegara a hora dela dar a luz. Lucas 2:6 Enquanto estavam ali, chegou o tempo em que ela havia de dar à luz, TJ 1:103 Mas já que não encontraram nenhum abrigo eles passaram a noite num estábulo. Lucas 2:7 e teve a seu filho primogênito; envolveu-o em faixas e o deitou em uma manjedoura, porque não havia lugar para eles na estalagem.(o suposto Mateus omitiu esta passagem!) TJ 1:104 E Maria teve seu primeiro filho sobre o feno, enrolou-o em panos, e deitou-o numa manjedoura próximo aos animais, pois não havia lugar para ela na estalagem. Capítulo 2 OS HOMENS SÁBIOS DO ORIENTE TJ 2:1 Quando Jmmanuel nasceu no estábulo em Belém, no abrigo em terras judaicas na época de Herodes Antipas, Tetrarca da Galiléia e Peréia, vede, homens sábios chegaram em Jerusalém, vindo do Oriente, e perguntaram: 11

12 Mat. 2:1 Tendo, pois, nascido Jesus em Belém da Judéia, no tempo do rei Herodes, eis que vieram do oriente a Jerusalém uns magos que perguntavam: Nota: Herodes Antipas: líder judeu, regente da Galiléia e Peréia entre o ano 4 antes de Jmmanuel até o ano 39. O Rei Herodes - o Grande morreu no ano 4 antes do nascimento de Jmmanuel. Mateus omitiu o verdadeiro nome de Herodes Antipas Tetrarca da Galiléia e Peréia, e que era filho do Rei Herodes - o Grande. TJ 2:2 Onde está o recém nascido, rei da sabedoria dos Judeus? Mat. 2:2 Onde está aquele que é nascido rei dos judeus? pois do oriente vimos a sua estrela e viemos adorá-lo.(texto alterado pelo suposto Mateus!) TJ 2:3 Vimos uma luz brilhante no céu e ouvimos uma voz dizendo: TJ 2:4 Seguis a cauda da luz, pois o rei da sabedoria dos judeus nasceu, ele é aquele que trará grande conhecimento. TJ 2:5 Portanto, viemos adorar o recém nascido rei da sabedoria. TJ 2:6 Ele possuirá o conhecimento de deus, e será um filho do filho celestial Gabrjel. TJ 2:7 Seu conhecimento será abundante, assim como o seu poder em controlar a consciência humana, para que os humanos possam aprender a servir a Criação. TJ 2:8 Quando Herodes Antipas ouviu isso ficou temeroso e, juntamente com ele, todos em Jerusalém, pois temiam que a criança recém nascida teria um imenso poder. Mat. 2:3 O rei Herodes, ouvindo isso, perturbou-se, e com ele toda a Jerusalém;(Aqui Mateus também omitiu o verdadeiro nome de Herodes ANTIPAS!) TJ 2:9 Herodes convocou todos os principais sacerdotes e escribas dentre o povo e perguntou à eles onde havia nascido Jmmanuel. Mat. 2:4 e, reunindo todos os principais sacerdotes e os escribas do povo, perguntava-lhes onde havia de nascer o Cristo. (Texto inventado pelo suposto Mateus!) TJ 2:10 E eles responderam: Em Belém, na terra judaica; pois assim foi escrito pelo profeta Miquéias: Mat. 2:5 Responderam-lhe eles: Em Belém da Judéia; pois assim está escrito pelo profeta:(o suposto Mateus omitiu o nome de Miquéiais nesta passagem.) TJ 2:11 E tu, Belém, nas terras dos judeus, não és de forma alguma a menor das cidades da Judéia, pois de ti deverá vir o rei da sabedoria, que trará grande conhecimento aos povos de Israel para que possam aprender e servir a Criação. Mat. 2:6 E tu, Belém, terra de Judá, de modo nenhum és a menor entre as principais cidades de Judá; porque de ti sairá o Guia que há de apascentar o meu povo de Israel. TJ 2:12 Então Herodes Antipas chamou secretamente os sábios, e diligentemente os inquiriu acerca do tempo em que a brilhante luz com uma longa cauda aparecera no céu. Mat. 2:7 Então Herodes chamou secretamente os magos, e deles inquiriu com precisão acerca do tempo em que a estrela aparecera; TJ 2:13 Ele logo enviou-os a Belém, e disse: Ide, e procurai diligentemente pelo menino e quando o encontrardes, fazei-me saber, para que eu também possa ir e adorá-lo. Mat. 2:8 e enviando-os a Belém, disse-lhes: Ide, e perguntai diligentemente pelo menino; e, quando o achardes, participai-mo, para que também eu vá e o adore.. TJ 2:14 Após ouvirem Herodes Antipas, eles partiram. E, vede! A luz com uma longa cauda a qual observaram no Oriente movia-se adiante deles com um som muito alto até que alcançou Belém e parou diretamente sobre o estábulo onde a criança havia nascido. Mat. 2:9 Tendo eles, pois, ouvido o rei, partiram; e eis que a estrela que tinham visto quando no oriente ia adiante deles, até que, chegando, se deteve sobre o lugar onde estava o menino. TJ 2:15 Quando viram aquilo foram tomados por grande alegria. Mat. 2:10 Ao verem eles a estrela, regozijaram-se com grande alegria. TJ 2:16 Então, eles entraram no estábulo e encontraram o menino com sua mãe, Maria, e com José. E eles se prostraram e adoraram a criança e lhe ofereceram seus tesouros, que eram: ouro, incenso, e mirra. Mat. 2:11 E entrando na casa, viram o menino com Maria sua mãe e, prostrando-se, o adoraram; e abrindo os seus tesouros, ofertaram-lhe dádivas: ouro incenso e mirra. TJ 2:17 Contudo, a voz soou novamente da luz, que estava muito alta acima, dizendo-lhes que não deveriam retornar a Herodes Antipas porque ele planejava o mal para o menino. 12

13 Mat. 2:12 Ora, sendo por divina revelação avisados em sonhos para não voltarem a Herodes, regressaram à sua terra por outro caminho. ( Falsificaram a Verdade! Não foi sonho algum!) TJ 2:18 E eles retornaram para a sua terra natal por um outro caminho. TJ 2:19 Após os três homens sábios partirem, vede, o filho celestial Gabrjel apareceu para José, dizendo: Mat. 2:13 E, havendo eles se retirado, eis que um anjo do Senhor apareceu a José em sonho, dizendo: Levanta-te, toma o menino e sua mãe, foge para o Egito, e ali fica até que eu te fale; porque Herodes há de procurar o menino para o matar. (Não era anjo de senhor nenhum foi Gabrjel um Filho Celestial!) TJ 2:20 Levanta-te! pegues a criança e sua mãe, Maria, contigo, e foges para o Egito. Fiques lá até que eu te avise, porque Herodes Antipas planeja procurar a criança e matá-la, já que ele teme que este bebê poderá ter um terrível poder. TJ 2:21 Enquanto estiveres no Egito, eu enviarei meu mensageiro até Herodes Antipas para ensinálo a verdade. TJ 2:22 E José levantou-se, pegou a criança e sua mãe durante a noite e escapou, sob a orientação de Gabrjel, o filho celestial, na luz que desceu, e que fugiu com eles para o Egito. Mat. 2:14 Levantou-se, pois, tomou de noite o menino e sua mãe, e partiu para o Egito.(Não explica como foram, se foram caminhando, se usaram cavalo/camelo/burrico??) TJ 2:23 E ali permaneceram, até que Herodes mudou de idéia e seus temores foram aplacados. Mat. 2:15 e lá ficou até a morte de Herodes, para que se cumprisse o que fora dito da parte do Senhor pelo profeta: Do Egito chamei o meu Filho. (O suposto Mateus tirou isso de OSÉIAS 11:1 e além disso mentiu, pois Herodes estava vivo!) O suposto autor/falsificador Mateus alterou os nomes trocando Herodes Antipas por Herodes o Grande já que Herodes o Grande morrera 4 anos antes de Jmmanuel nascer. Façam pesquisas lendo os escritos de Flávio Josefos!) TJ 2:24 Quando Herodes Antipas percebeu que nada tinha a temer do menino, que possuía apenas grande sabedoria e conhecimento, ele assentou-se seguro em seu reino. Assim, prometeu ao mensageiro do filho celestial, Gabrjel, que ele não mais perseguiria à Maria, José, e Jmmanuel. Mat. 2:16 Então Herodes, vendo que fora iludido pelos magos, irou-se grandemente e mandou matar todos os meninos de dois anos para baixo que havia em Belém, e em todos os seus arredores, segundo o tempo que com precisão inquirira dos magos. (O suposto autor/ redator Mateus inventou. Essa história nunca existiu foi inventada pelo suposto Mateus!!) Mat. 2:17 Cumpriu-se então o que fora dito pelo profeta Jeremias: (Jeremias 31:15 Este texto n ão tem nada a ver com o Talmud de Jmmanuel) Mat. 2:18 Em Ramá se ouviu uma voz, lamentação e grande pranto: Raquel chorando os seus filhos, e não querendo ser consolada, porque eles já não existem.(texto falso! Encaixado aqui sem qualquer razão pelo suposto autor/falsificador Mateus. Fariseu falsificador da verdade! Totalmente fora de contexto com a verdade do Talmud de Jmmanuel!) Mat. 2:19 Mas tendo morrido Herodes, eis que um anjo do Senhor apareceu em sonho a José no Egito, (Inventado pelo suposto Mateus. Herodes Antipas estava vivo! Nào se tratava de sonho algum!) TJ 2:25 Agora que Herodes Antipas e seus seguidores mudaram de opinião, vede, o filho celestial Gabrjel apareceu novamente, diante de José, no Egito, e disse: Mat. 2:20 dizendo: Levanta-te, toma o menino e sua mãe e vai para a terra de Israel; porque já morreram os que procuravam a morte do menino.(o suposto Mateus criou. inventou esta passagem!) TJ 2:26 Levanta-te! e pegues o menino e sua mãe, Maria, e muda-te para as terras de Israel; todos aqueles que procuravam tirar a vida da criança mudaram de opinião. Mat. 2:21 Então ele se levantou, tomou o menino e sua mãe e foi para a terra de Israel. TJ 2:27 E José levantou-se, pegou a criança e sua mãe, e retornou para dentro da luz, que mais uma vez aparecera. Ela as levou para Israel. Mat. 2:22 Ouvindo, porém, que Arquelau reinava na Judéia em lugar de seu pai Herodes, temeu ir para lá; mas avisado em sonho por divina revelação, retirou-se para as regiões da Galiléia, (Texto inventado pelo suposto Mateus,! Falsificador da verdade!!!) 13

14 Nota: Este verso de Mateus contradiz o verso imediatamente anterior, onde se lê que José, Maria, e a criança já haviam retornado a Israel, que incluía a Judéia e a Galiléia ou seja, se José temia ir à Judéia, e ainda não tinha ido para a Galiléia, ele então não estaria ainda em terras de Israel. E ainda, ao dizer: retirou-se para as regiões da Galiléia, este verso nos faz imaginar para onde eles a mãe e a criança, bem como José teriam ido. E finalmente, como José poderia saber que Herodes Arquelau, o novo regente da Judéia, estava mais temeroso (em relação a criança), se é que estava, do que Herodes Antipas, o novo regente da Galiléia e da Peréia. Cometeu outro terrível engano pois Herodes Antipas reinou ao mesmo tempo que seu irmão Arquelau. Herodes Antipas um apelido derivado de Antipatros- era o filho do rei judeu Herodes o Grande e sua esposa Malthace. TJ 2:28 O filho celestial Gabrjel os trouxe de volta para as terras da Galiléia. Mat. 2:23 e foi habitar numa cidade chamada Nazaré; para que se cumprisse o que fora dito pelos profetas: Ele será chamado nazareno. (O suposto Mateus alterou o texto!) TJ 2:29 Ali eles habitaram na cidade chamada Nazaré, assim aquilo que havia sido dito pelos profetas se realizaria: Jmmanuel se chamará o Nazareno. Capítulo 3 João o Batista TJ 3:1 No devido tempo, João, o Batista, veio as margens do deserto e pregava nas barrancas do Jordão. Mat. 3:1 Naqueles dias apareceu João, o Batista, pregando no deserto da Judéia, (por quê alguém pregaria num deserto escaldante e para quem?) TJ 3:2 João, o Batista, pregava o batismo de acordo com as antigas leis de deus, conforme as quais o caminho para o conhecimento deveria ser preparado. Mat. 3:2 dizendo: Arrependei-vos, porque é chegado o reino dos céus. TJ 3:3 Ele pregava que as leis de deus deveriam ser seguidas, pois ele era o único regente desta linhagem humana. Mat. 3:3 Porque este é o anunciado pelo profeta Isaías, que diz: Voz do que clama no deserto; Preparai o caminho do Senhor, endireitai as suas veredas. TJ 3:4 Ele pregava que, acima de deus, contudo, estava a Criação, a fonte dos mundos, dos Universos, e de todas as criaturas viventes. TJ 3:5 E assim, ele ensinava que a Criação, assexuada, é o mistério de todos os mistérios; morte e vida, luz e escuridão, ser e não ser. TJ 3:6 E assim, ele ensinava mais uma vez que deus, o senhor e regente desta linhagem humana e daqueles que viajavam das distâncias, os filhos celestiais, tinham grande estima pela Criação. TJ 3:7 Toda a Judéia, e todos os povos de Jerusalém iam ao encontro de João Batista, reconhecendo a sabedoria das antigas leis de deus, e se deixavam ser batizados por ele, no Rio Jordão. TJ 3:8 João usava uma vestimenta feita de pêlo de camelo e um cinto de couro em torno da cintura. Seu alimento consistia de gafanhotos e mel silvestre. Mat. 3:4 Ora, João usava uma veste de pelos de camelo, e um cinto de couro em torno de seus lombos; e alimentava-se de gafanhotos e mel silvestre. TJ 3:9 Enquanto ele batizava, muitas pessoas, muitos Fariseus e Saduceus, vinham até ele e o humilhavam com palavras maliciosas. Mat. 3:5 Então iam ter com ele os de Jerusalém, de toda a Judéia, e de toda a circunvizinhança do Jordão, Mat. 3:6 e eram por ele batizados no rio Jordão, confessando os seus pecados. (Não tem nada a ver com pecado nenhum!) TJ 3:10 Mas João, o Batista, falava: Raça de víboras! Quem vos disse que escapareis da ira vindoura, uma vez que vossos falsos ensinamentos forem revelados? Mat. 3:7 Mas, vendo ele muitos dos fariseus e dos saduceus que vinham ao seu batismo, disse-lhes: Raça de víboras, quem vos ensinou a fugir da ira vindoura? TJ 3:11 Cuidai-vos para que produzi bons frutos de arrependimento e aprendais a verdade. Mat. 3:8 Produzi, pois, frutos dignos de arrependimento, 14

15 TJ 3:12 Afastai-vos do mal de vossos falsos ensinamentos, que carregais com arrogância e conforme a vossa ganância pelo poder e pela fortuna. Mat. 3:9 e não queirais dizer dentro de vós mesmos: Temos por pai a Abraão; porque eu vos digo que mesmo destas pedras Deus pode suscitar filhos a Abraão. TJ 3:13 Não penseis somente em dizer uns aos outros: Temos Abraão como pai. TJ 3:14 Eu vos digo, com o seu conhecimento e seu poder, deus é capaz de fazer crianças para Abraão destas pedras, pois ele possui o conhecimento do mistério da Criação. TJ 3:15 E já está posto o machado á raiz das árvores. Portanto, qualquer árvore, pois, que não produza bom fruto, é cortada e lançada ao fogo. Mat. 3:10 E já está posto o machado á raiz das árvores; toda árvore, pois que não produz bom fruto, é cortada e lançada no fogo. TJ 3:16 Raça de víboras! Em duas vezes mil anos vós e vossos seguidores, que procurais falsos ensinamentos em vosso próprio orgulho, em vossa ganância pelo poder e pela riqueza, devereis ser subjugados e, por causa de vossas mentiras, sereis punidos. TJ 3:17 E assim será, quando a raça humana começar a entender, e quando o joio estiver separado do grão. TJ 3:18 Será nos tempos em que rirão de vossos falsos ensinamentos e a humanidade descobrir a verdade. TJ 3:19 Isso acontecerá quando a humanidade construir luzes cantantes e carruagens de fogo, com as quais ela pode escapar para o cosmos, assim como é feito por deus e seus seguidores, os filhos celestiais, TJ 3:20 ou seja, aqueles que nos ensinaram a sabedoria e o conhecimento da Criação, TJ 3:21 e quem nos impeliu a obedecermos as leis da natureza e vivermos de acordo com elas. TJ 3:22 Oh, vós renegados! Raça de víboras! Afastai-vos deste lugar! Porque vós sois impuros e amaldiçoados em vossos falsos ensinamentos. TJ 3:23 Ide embora deste lugar! Porque eu posso por mim mesmo batizar-vos em arrependimento apenas com água; mas ele que vem depois de mim é mais poderoso do que eu, e eu não sou digno de tira-lhe as sandálias. Ele vos batizará com o conhecimento do espírito e com o fogo da verdade. Mat. 3:11 Eu, na verdade, vos batizo em água, na base do arrependimento; mas aquele que vem após mim é mais poderoso do que eu, que nem sou digno de levar-lhe as alparcas; ele vos batizará no Espírito Santo, e em fogo. TJ 3:24 Ele tem em suas mãos o seu garfo de joeirar, ele varrerá o seu chão de debulhar e juntará o trigo em seu celeiro, mas ele queimará o joio com fogo inextinguível. Mat. 3:12 A sua pá ele tem na mão, e limpará bem a sua eira; recolherá o seu trigo ao celeiro, mas queimará a palha em fogo inextinguível. TJ 3:25 A mentira nunca suportará a verdade, que destroi o mal em seu fogo. TJ 3:26 Enquanto João Batista assim falava, vede, Jmmanuel da Galiléia então se aproximou de João, no Jordão, para ser batizado por ele. Mat. 3:13 Então veio Jesus da Galiléia ter com João, junto do Jordão, para ser batizado por ele. TJ 3:27 Contudo, João se recusou e falou: Sou eu quem precisa ser batizado por ti porque possuis conhecimento maior que o meu. E tu vieste a mim? Mat. 3:14 Mas João o impedia, dizendo: Eu é que preciso ser batizado por ti, e tu vens a mim? TJ 3:28 Mas Jmmanuel o respondeu: Deixes que assim aconteça agora, porque é justo para nós realizarmos toda a justiça, já que nós somos ambos filhos da Terra. Mat. 3:15 Jesus, porém, lhe respondeu: Consente agora; porque assim nos convém cumprir toda a justiça. Então ele consentiu. TJ 3:29 Então, João consentiu e o batizou. TJ 3:30 Quando Jmmanuel foi batizado, logo ele saiu da água do Jordão e, vede, uma luz metálica caiu do céu e lançou-se sobre o Jordão. Mat. 3:16 Batizado que foi Jesus, saiu logo da água; e eis que se lhe abriram os céus, e viu o Espírito Santo de Deus descendo como uma pomba e vindo sobre ele; (O suposto Mateus alterou a passagem original e acrescentou esta pomba!) TJ 3:31 Consequentemente todos eles caíram sobre os seus rostos, pressionando-os contra a areia, enquanto uma voz, vinda da luz metálica, falou: 15

16 TJ 3:32 Este é meu filho amado com o qual eu me comprazo. Ele será o rei da verdade, através do qual os humanos terrestres se erguerão como sábios. Mat. 3:17 e eis que uma voz dos céus dizia: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo. TJ 3:33 Vede! Após estas palavras Jmmanuel entrou na luz metálica, que subiu para o céu, envolta por fogo e fumaça, e passou sobre o mar sem vida, enquanto o cantar da luz metálica logo desaparecia. TJ 3:34 Após isso, Jmmanuel não mais foi visto por quarenta dias e noites. Capítulo 4 O Arcano de Jmmanuel TJ 4:1 Deste dia em diante, Jmmanuel não mais viveu entre os filhos e filhas destes humanos da Terra. Mat. 4:1 Então foi conduzido Jesus pelo Espírito ao deserto, para ser tentado pelo Diabo (O suposto Mateus inventou esta passagem! Acreditava em diabo!). TJ 4:2 Jmmanuel foi elevado da Terra, e ninguém sabia para onde ele havia sido levado ou o que acontecera à ele. Mat. 4:2 E, tendo jejuado quarenta dias e quarenta noites, depois teve fome. TJ 4:3 Mas então, a luz metálica o desceu entre o Norte e o Oeste, num lugar onde os anjos guardiões haviam recebido diretrizes pelas quais avaliariam o local para os escolhidos. Mat. 4:5 Então o Diabo o levou à cidade santa, colocou-o sobre o pináculo do templo, (Texto inventado pelo suposto Mateus! Diabos e demônios são puras invenções.) TJ 4:4 Assim, ele viveu por quarenta dias e noites dentre os ventos do Norte e do Oeste, onde ele recebeu o arcano do conhecimento. TJ 4:5 Durante o seu período de instrução, ele passou os seus dias com os santos sábios de deus e os anjos guardiões, os filhos celestiais. Mat. 4:8 Novamente o Diabo o levou a um monte muito alto; e mostrou-lhe todos os reinos do mundo, e a glória deles (Texto falso, inventado pelo supsoto Mateus!) TJ 4:6 Eles o ensinaram a sabedoria do conhecimento. TJ 4:7 Eles o ensinaram a respeito dos domínios de deus sobre os humanos terrestres e sobre os filhos celestiais. TJ 4:8 Eles também explicaram à ele a onipotência da Criação dos Universos. TJ 4:9 Eles também ensinaram à ele sobre a imortalidade do espírito através do renascimento. TJ 4:10 Ali ele viu os antepassados iniciais, os santos dos tempos antigos, que eram os filhos celestiais e os pais dos humanos terrestres. TJ 4:11 Dali, ele foi para o Norte, em direção aos confins da Terra, onde as luzes metálicas e carruagens de fogo desciam do céu, ou lançavam-se para o alto, com um som de canto, envoltas em fumaça e fogo. Mat. 4:8 Novamente o Diabo o levou a um monte muito alto; e mostrou-lhe todos os reinos do mundo, e a glória deles; (Texto Inventado por Mateus!) Mat. 4:9 e disse-lhe: Tudo isto te darei, se, prostrado, me adorares. (Texto Inventado por Mateus!) Mat. 4:10 Então ordenou-lhe Jesus: Vai-te, Satanás; porque está escrito: Ao Senhor teu Deus adorarás, e só a ele servirás. (Texto Inventado por Mateus!) Mat. 4:11 Então o Diabo o deixou; e eis que vieram os anjos e o serviram. (Texto irreal, inventado pelo suposto Mateus que acreditava no diabo!) TJ 4:12 Ali, nos confins de toda a Terra, ele viu um grande e maravilhoso prodígio. TJ 4:13 Naquele lugar, ele viu aberto os portais celestiais, dos quais haviam três diferentes. TJ 4:14 Os portais celestiais radiavam no mais brilhante Zohar, numa área maior que o mar sem vida no Rio Jordão. * *Zohar: Radiante esplendor da energia espiritual-criacional TJ 4:15 Na verdade, vislumbrante ali dentro, estava toda a terra de Israel, viva e verdadeira, humanos e animais, e tudo o mais estava ali. 16

17 TJ 4:16 No primeiro portal, nenhum segredo estava oculto, pois o Zohar adentrava no menor dos espaços nas cabanas, e revelava o último do mais íntimo detalhe. TJ 4:17 Dentro do segundo portal celestial, ali erguiam-se poderosas montanhas, cujos picos alcançavam o céu e desapareciam por dentre as nuvens. TJ 4:18 Bem abaixo, estendiam-se profundas massas de neve, em cujas margens uma população humana diferente, de pele parda, construíram suas cabanas. TJ 4:19 O terceiro portal celestial, revelou uma terra de dimensões gigantescas, montanhosa, entremeada com rios, lagos, e mares, onde ainda uma outra população humana habitava. TJ 4:20 Não muito longe destes três portais celestiais havia sido construído o palácio de deus, o regente desses humanos terrestres e daqueles que viajavam das distâncias, os filhos celestiais, os anjos guardiões. TJ 4:21 Em seu palácio, deus reinava sobre as três linhagens humanas criadas por ele e sobre seus seguidores, os filhos celestiais. TJ 4:22 Ele era imortal, antigo, e de tamanho gigante, assim como os filhos celestiais. TJ 4:23 No palácio de deus, ali apareceu para Jmmanuel dois homens muito altos, os quais ele jamais havia visto na Terra. TJ 4:24 Suas faces brilhavam como o sol, e seus olhos pareciam tochas queimando. De suas bocas saiam fogo. Suas vestimentas pareciam uma cobertura de espuma, e seus braços eram como que asas douradas. TJ 4:25 Eles habitavam um ambiente próprio deles, pois o ar deste mundo terrestre teria sido fatal para eles. TJ 4:26 Esses dois homens, da constelação das sete estrelas, eram veneráveis mestres, e eles estavam junto com dois homens menores, que disseram que eram de Baawi. TJ 4:27 Eles disseram: Pessoas vieram dos céus para a Terra, e outras pessoas foram elevadas da Terra para os céus; as pessoas que vieram dos céus permaneceram na Terra por um longo tempo, e elas criaram as linhagens humanas inteligentes. TJ 4:28 Vede! Os humanos gerados pelos filhos celestiais eram diferentes, de maneira única dos outros povos da Terra. TJ 4:29 Eles não eram como os humanos terrestres, mas como os filhos dos anjos celestiais, e de um tipo diferente. TJ 4:30 Seus corpos eram brancos como a neve e vermelhos como o botão da rosa, seus cabelos no alto da cabeça eram brancos como a lã e seus olhos bonitos. TJ 4:31 O humanos terrestres irão agora reter a sua beleza herdada, e a propagarão adiante. TJ 4:32 Mas, no decorrer de séculos e milênios, eles se misturarão com outras populações humanas e dos céus, para gerarem um novo tipo humano e linhagens especiais, assim como os filhos celestiais fizeram com o povo da Terra. TJ 4:33 Jmmanuel, tu és um informado de nosso meio, gerado de nossas fileiras por um filho celestial. TJ 4:34 Com os teus conhecimentos farás o impossível possível e realizarás coisas que os humanos da Terra irão considerar miraculosas. TJ 4:35 Tu conheces o poder do espírito, mas cuides para que não abuses dele. TJ 4:36 Tua própria sabedoria e conhecimentos obtidos através de nós deverão contribuir para o bem estar da humanidade, apesar de que o caminho que leva a isso irá ser muito difícil, para eles e para ti. TJ 4:37 Tu serás incompreendido e denunciado, porque os humanos terrestres são ainda ignorantes e apegados a crenças ilusórias. TJ 4:38 Eles crêem que deus é a própria Criação e não o regente dos filhos celestiais e destas linhagens humanas. TJ 4:39 Os povos da terra atribuem a ele a onipotência da Criação e o glorificam como a própria Criação. TJ 4:40 Mas deus é um ser humano, assim como os filhos celestiais e os humanos terrestres, exceto que ele é vastamente maior em consciência do que eles são. TJ 4:41 A Criação, contudo, está em posição imensurávelmente superior do que deus, o senhor dos filhos celestiais e humanos terrestres, porque a Criação é o enigma imensurável. 17

18 TJ 4:42 Jmmanuel, tu serás caluniado como sendo deus e seu único filho, e tu, também, serás equiparado com a misteriosa Criação. TJ 4:43 Contudo, a esses falsos ensinamentos tu não darás atenção, porque se passarão milênios antes que os povos destas linhagens humanas sejam capazes de reconhecerem a verdade. TJ 4:44 Muito sangue humano será derramado por tua causa, incluindo o teu próprio e o daqueles de incontáveis gerações. TJ 4:45 Todavia, cumpres a tua missão como o rei da sabedoria, como o filho de Gabrjel, o filho celestial. TJ 4:46 A lei para a tua criação foi emitida em nome de deus, para que possas servir como profeta e pioneiro de sábio conhecimento para estas linhagens humanas. TJ 4:47 Cumpres a tua missão imperturbável pela irracionalidade e todos os falsos ensinamentos dos escribas e Fariseus, e apesar da descrença do povo. TJ 4:48 Daí, seguindo o cumprimento de tua missão, séculos e dois milênios se passarão antes que a verdade do conhecimento que trouxeste para os povos sejam reconhecidos e disseminados por uns poucos humanos. TJ 4:49 Não até o tempo das máquinas que viajam pelo espaço, irá a verdade irromper e gradualmente abalar os falsos ensinamentos de que tu és o filho de deus ou a própria Criação. TJ 4:50 E isso será nos tempos quando nós filhos celestiais, começarmos a nos revelar novamente para os humanos terrestres, quando esses tiverem se tornado inteligentes e ameaçarão as estruturas dos céus com os seus poderes adquiridos. TJ 4:51 E assim eles falaram, os filhos celestiais, entre o Norte e o Oeste, antes de trazerem Jmmanuel, na luz metálica, de volta para Israel, para as terras da Galiléia. TJ 4:52 Quando Jmmanuel ouviu que João Batista havia sido aprisionado ele deixou a cidade de Nazaré, chegou e viveu em Cafarnaum, que está às margens do mar, nas terras de Zebulom e Naftali. Mat. 4:12 Ora, ouvindo Jesus que João fora entregue, retirou-se para a Galiléia; Mat. 4:13 e, deixando Nazaré, foi habitar em Cafarnaum, cidade marítima, nos confins de Zabulom e Naftali; TJ 4:53 Desse tempo em diante Jmmanuel começou a pregar dizendo: Arrependei-vos e volteis para a verdade e o conhecimento, porque somente eles vos trazem a vida! Mat. 4:17 Desde então começou Jesus a pregar, e a dizer: Arrependei-vos, porque é chegado o reino dos céus. TJ 4:54 Quando Jmmanuel caminhava junto ao Mar da Galiléia, ele viu dois irmãos, Simão, que é chamado Pedro, e André, seu irmão, lançando suas redes no mar pois eles eram pescadores. Mat. 4:18 E Jesus, andando ao longo do mar da Galiléia, viu dois irmãos - Simão, chamado Pedro, e seu irmão André, os quais lançavam a rede ao mar, porque eram pescadores TJ 4:55 E disse-lhes: Segui-me; eu vos ensinarei conhecimento e vos tornarei pescadores de gente. Mat. 4:19 Disse-lhes: Vinde após mim, e eu vos farei pescadores de homens. TJ 4:56 Logo após isso eles deixaram as suas redes e o seguiram. Mat. 4:20 Eles, pois, deixando imediatamente as redes, o seguiram. TJ 4:57 Enquanto seguia, ele viu dois outros irmãos Tiago, o filho de Zebedeu e João, seu irmão, num barco com seu pai, Zebedeu, consertando suas redes. Mat. 4:21 E, passando mais adiante, viu outros dois irmãos-tiago, filho de Zebedeu, e seu irmão João, no barco com seu pai Zebedeu, consertando as redes; e os chamou. TJ 4:58 E ele os chamou. Mat. 4:22 Estes, deixando imediatamente o barco e seu pai, seguiram-no. TJ 4:59 Imediatamente eles deixaram o barco, e o seguiram. TJ 4:60 Jmmanuel percorreu por toda a terra da Galiléia, ensinando nas sinagogas deles, pregando o conhecimento do espírito, e curando todas as doenças e enfermidades entre as pessoas. Mat. 4:23 E percorria Jesus toda a Galiléia, ensinando nas sinagogas, pregando o evangelho do reino, e curando todas as doenças e enfermidades entre o povo. TJ 4:61 Noticias a seu respeito se espalharam por toda a terra da Síria, e eles traziam à ele todos os doentes afligidos por várias doenças e tormentos, os possuídos, os lunáticos, e os paralíticos; e ele os fazia ficarem sãos. 18

19 Mat. 4:24 Assim a sua fama correu por toda a Síria; e trouxeram-lhe todos os que padeciam, acometidos de várias doenças e tormentos, os endemoninhados, os lunáticos, e os paralíticos; e ele os curou. TJ 4:62 E muitas pessoas o seguiam da Galiléia, de Decápolis, de Jerusalém, das terras da Judéia, e de além do Jordão. Mat. 4:25 De sorte que o seguiam grandes multidões da Galiléia, de Decápolis, de Jerusalém, da Judéia, e dalém do Jordão. Capítulo 5 O Sermão da Montanha TJ 5:1 Quando Jmmanuel viu as pessoas lhe seguindo ele subiu uma colina e assentou-se; e seus discípulos vieram até ele. Mat. 5:1 Jesus, pois, vendo as multidões, subiu ao monte; e, tendo se assentado, aproximaram-se os seus discípulos, TJ 5:2 E ele ensinou-os, dizendo: Mat. 5:2 e ele se pôs a ensiná-los, dizendo: TJ 5:3 Bem-aventurados aqueles que são ricos em espírito e reconhecem a verdade, pois a vida pertence a eles. Mat. 5:3 Bem-aventurados os pobres de espírito, porque deles é o reino dos céus. TJ 5:4 Bem-aventurados aqueles que suportam as dificuldades, pois assim deverão reconhecer a verdade e serão confortados. Mat. 5:4 Bem-aventurados os que choram, porque eles serão consolados. TJ 5:5 Bem-aventurados aqueles espiritualmente equilibrados, pois deverão possuir conhecimento. Mat. 5:5 Bem-aventurados os mansos, porque eles herdarão a terra.(não confere!) TJ 5:6 Bem-aventurados aqueles que tem fome e sede pela verdade e pelo conhecimento pois serão saciados. Mat.5:6 Bem-aventurados os que tem fome e sede de justiça porque eles serão fartos. TJ 5:7 Bem-aventurados aqueles que vivem conforme as leis da natureza, pois vivem de acordo com os planos da Criação. Mat.5:7 Bem-aventurados os misericordiosos, porque eles alcançarão misericórdia. TJ 5:8 Bem-aventurados aqueles que possuam uma consciência limpa, pois nada tem a temer. Mat. 5:8 Bem-aventurados os limpos de coração, porque eles verão a Deus. TJ 5:9 Bem-aventurados aqueles que conhecem sobre a Criação, pois não são escravizados por falsos ensinamentos. Mat. 5:9 Bem-aventurados os pacificadores, porque eles serão chamados filhos de Deus. (Nenhum dos sermões do suposto Mateus confere com a realidade, são falsos!) TJ 5:10 Bem-aventurados são os justos, pois a natureza está sujeita a eles. Mat. 5:10 Bem-aventurados os que são perseguidos por causa da justiça, porque deles é o reino dos céus. TJ 5:11 Bem-aventurados sois vós, se por minha causa e por causa de nossos ensinamentos as pessoas vos insultarem, vos perseguirem, e falarem todos os tipos de males contra vós; assim mentem a respeito dos ensinamentos. Mat. 5:11 Bem-aventurados sois vós, quando vos injuriarem e perseguiram e, mentindo, disserem todo mal contra vós por minha causa. TJ 5:12 Sejais alegres e reconfortai-vos; esta vida e a próxima vida irá vos recompensar. Pois assim como os depreciadores da verdade perseguiram os profetas que estiveram diante de vós, assim eles também vos perseguirão. Mat. 5:12 Alegrai-vos e exultai, porque é grande o vosso galardão nos céus; porque assim perseguiram aos profetas que foram antes de vós. TJ 5:13 Vós sois o sal da Terra, e se o sal for insípido com que se há de salgar? Não tem utilidade alguma então, exceto ser lançado fora e ser pisoteado pelas pessoas. 19

20 Mat. 5:13 Vós sois o sal da terra; mas se o sal se tornar insípido, com que se há de restaurar-lhe o sabor? para nada mais presta, senão para ser lançado fora, e ser pisado pelos homens. TJ 5:14 Vós sois a luz do mundo, e considerai: Não se pode esconder uma cidade que está posta no topo de uma montanha. Mat. 5:14 Vós sois a luz do mundo. Não se pode esconder uma cidade situada sobre um monte; TJ 5:15 Não se acende uma candeia e se coloca debaixo do alqueire, mas no velador para que assim ilumine a todos os que estão na casa. Mat. 5:15 nem os que acendem uma candeia a colocam debaixo do alqueire, mas no velador, e assim ilumina a todos que estão na casa. TJ 5:16 Assim também vossa luz deverá resplandecer diante das pessoas, para que vejam as vossas boas obras e reconheçam a verdade do vosso conhecimento. Mat. 5:16 Assim resplandeça a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras, e glorifiquem a vosso Pai, que está nos céus. TJ 5:17 Não penseis que vim para destruir a lei ou os profetas; Não vim para desfazer, mas para cumprir e revelar o conhecimento. TJ 5:18 Em verdade eu vos digo: Até que o céu e a Terra desapareçam, nenhuma letra, ou um ponto da lei da Criação, e das leis da natureza, desaparecerá, até que tudo esteja cumprido. Mat. 5:17 Não penseis que vim destruir a lei ou os profetas; não vim destruir, mas cumprir. (O suposto Mateus o fariseu omitiu palavras, está incompleto!) letra, ou um ponto da lei da Criação, e das leis da natureza, desaparecerá, até que tudo esteja cumprido. Mat. 5:18 Porque em verdade vos digo que, até que o céu e a terra passem, de modo nenhum passará da lei um só i ou um só til, até que tudo seja cumprido. TJ 5:19 Qualquer um que violar uma, por menor que seja, das leis ou mandamentos e ensinar as pessoas falsamente, será chamado o menor; mas qualquer um que disseminar os ensinamentos em verdade, será chamado o grande, e receberá a recompensa do espírito. Mat. 5:19 Qualquer, pois, que violar um destes mandamentos, por menor que seja, e assim ensinar aos homens, será chamado o menor no reino dos céus; aquele, porém, que os cumprir e ensinar será chamado grande no reino dos céus. TJ 5:20 Eu vos digo: Se vossa justiça não exceder a dos escribas e Fariseus não recebereis a recompensa do espírito e da vida. Mat. 5:20 Pois eu vos digo que, se a vossa justiça não exceder a dos escribas e fariseus, de modo nenhum entrareis no reino dos céus. TJ 5:21 Vós ouvistes o que foi dito à vossos ancestrais: Não matarás; mas qualquer um que matar deverá ser considerado culpado pelas cortes judiciais. Mat. 5:21 Ouvistes que foi dito aos antigos: Não matarás; e, Quem matar será réu de juízo. TJ 5:22 Mas eu vos digo: Praticai a justiça de acordo com as leis naturais da Criação, para que vós encontreis o julgamento na lógica. Mat. 5:22 Eu, porém, vos digo que todo aquele que se encolerizar contra seu irmão, será réu de juízo; e quem disser a seu irmão: Raca, será réu diante do sinédrio; e quem lhe disser: Tolo, será réu do fogo do inferno. TJ 5:23 Culpados são aqueles que matam quando não agem em legítima defesa ou de acordo com um veredicto legal, baseado em auto defesa. Assim também, culpados são aqueles que se empenham em ações e discursos malignos. Mat. 5:23 Portanto, se estiveres apresentando a tua oferta no altar, e aí te lembrares de que teu irmão tem alguma coisa contra ti, TJ 5:24 Somente a justiça que está de acordo com as leis naturais da Criação produz um julgamento lógico. Mat. 5:24 deixa ali diante do altar a tua oferta, e vai conciliar-te primeiro com teu irmão, e depois vem apresentar a tua oferta. TJ 5:25 Não acomodeis vossos adversários se estais em vosso direito, e o juiz provavelmente terá que decidir em vosso favor. Mat. 5:25 Concilia-te depressa com o teu adversário, enquanto estás no caminho com ele; para que não aconteça que o adversário te entregue ao guarda, e sejas lançado na prisão. 20

21 TJ 5:26 Em verdade, eu vos digo: Alcançareis justiça somente quando a tiverdes encontrado vós mesmos e terdes feito vosso semelhante humano tê-la compreendido. Mat. 5:26 Em verdade te digo que de maneira nenhuma sairás dali enquanto não pagares o último ceitil. TJ 5:27 Ouvistes o que foi dito: Não cometerás adultério. Mat. 5:27 Ouvistes que foi dito: Não adulterarás. TJ 5:28 Mas eu vos digo: Qualquer um que tiver relações sexuais com outro alguém, que não seja a sua esposa, deverá ser entregue em juízo, pois este é um ato indigno dos humanos, desprezível, e, é uma ofensa contra as leis da natureza. Mat. 5:28 Eu, porém, vos digo que todo aquele que olhar para uma mulher para a cobiçar, já em seu coração cometeu adultério com ela. TJ 5:29 Se, contudo, o vosso olho direito ou esquerdo vos incomoda, arrancai-o e lançai-o fora, pois é melhor para vós que apenas um membro seja destruído do que todo o vosso corpo. Mat. 5:29 Se o teu olho direito te faz tropeçar, arranca-o e lança-o de ti; pois te é melhor que se perca um dos teus membros do que seja todo o teu corpo lançado no inferno. TJ 5:30 Se um pensamento vos causa perturbação, erradicai e o expulsai de vosso cérebro. É melhor destruir um pensamento que incita a perturbação do que levar todo o mundo dos pensamentos ao distúrbio. Mat. 5:30 E, se a tua mão direita te faz tropeçar, corta-a e lança-a de ti; pois te é melhor que se perca um dos teus membros do que vá todo o teu corpo para o inferno. TJ 5: 31 E também foi dito: Qualquer um que se divorcia de sua esposa deverá lhe dar um certificado de divórcio. Mat. 5:31 Também foi dito: Quem repudiar sua mulher, dê-lhe carta de divórcio. TJ 5:32 Mas eu vos digo: Qualquer um que se separe de sua esposa, exceto no caso de adultério, comete adultério; qualquer um que se case com uma pessoa que é culpada de um divórcio também comete adultério. Mat. 5:32 Eu, porém, vos digo que todo aquele que repudia sua mulher, a não ser por causa de infidelidade, a faz adúltera; e quem casar com a repudiada, comete adultério. TJ 5:33 Ouvistes ainda o que foi dito à vossos ancestrais: Não deveis jurar em falso, e deveis manter o vosso juramento à deus. Mat. 5:33 Outrossim, ouvistes que foi dito aos antigos: Não jurarás falso, mas cumprirás para com o Senhor os teus juramentos. TJ 5:34 Mas eu vos digo: Que não deveis jurar de modo algum; não jureis pelos céus, pois eles são infinitos e imensuráveis. Mat. 5:34 Eu, porém, vos digo que de maneira nenhuma jureis; nem pelo céu, porque é o trono de Deus; TJ 5:35 Nem jureis pela Terra, pois esta é impermanente, nem jureis por Jerusalém, pois esta é uma cidade impermanente construída pelas mãos dos humanos. Mat. 5:35 nem pela terra, porque é o escabelo de seus pés; nem por Jerusalém, porque é a cidade do grande Rei; (Palavras falsas, coisas inventadas por Mateus!) TJ 5:36 Vós também não deveis jurar por vossas cabeças porque não podeis mudar a cor de um só fio de cabelo. Mat. 5:36 nem jures pela tua cabeça, porque não podes tornar um só cabelo branco ou preto. TJ 5:37 Também não deveis jurar pela memória de uma pessoa ou uma coisa, pois todas são impermanentes. Mat. 5:37 Seja, porém, o vosso falar: Sim, sim; não, não; pois o que passa daí, vem do Maligno. TJ 5:38 Que vosso discurso seja sempre: Sim, Sim ou Não, Não. Qualquer coisa além disso irá contra as leis. TJ 5:39 Ouvistes o que foi dito: Olho por olho, e dente por dente. Mat. 5:38 Ouvistes que foi dito: Olho por olho, e dente por dente. TJ 5:40 Mas eu vos digo: Praticai a justiça de acordo com as leis naturais da Criação, para que encontreis o veredicto na lógica. Mat. 5:39 Eu, porém, vos digo que não resistais ao homem mau; mas a qualquer que te bater na face direita, oferece-lhe também a outra; 21

22 Mat. 5:40 e ao que quiser pleitear contigo, e tirar-te a túnica, larga-lhe também a capa; TJ 5:41 Oferecei o vosso amor onde for de direito, e puni onde quer que a lei da natureza requeira punição. Mat. 5:41 e, se qualquer te obrigar a caminhar mil passos, vai com ele dois mil. TJ 5:42 Dai àqueles que vos pedem, se vos fizerem o pedido com honestidade, e afastai-vos daqueles que querem emprestar de vós de maneira desonesta. Mat. 5:42 Dá a quem te pedir, e não voltes as costas ao que quiser que lhe emprestes. TJ 5:43 Ouviste dizer, Deveis amar o vosso próximo e odiar o vosso inimigo Mat. 5:43 Ouvistes que foi dito: Amarás ao teu próximo, e odiarás ao teu inimigo. TJ 5:44 Mas eu vos digo: Praticai o amor e a compreensão de acordo com as leis naturais da Criação, de modo que através da lógica encontrareis a ação correta e a percepção. Mat. 5:44 Eu, porém, vos digo: Amai aos vossos inimigos, e orai pelos que vos perseguem; (Texto que induz a ser submisso ao inimigo criado pelo suposto autor Mateus!) TJ 5:45 Oferecei o vosso amor onde for de direito, e desprezai onde quer que a lei da natureza assim exija. Mat. 5:45 para que vos torneis filhos do vosso Pai que está nos céus; porque ele faz nascer o seu sol sobre maus e bons, e faz chover sobre justos e injustos. TJ 5:46 Deveis ser sábios e adquirir conhecimento, porque deveis tornar-vos perfeitos em espírito assim como a Criação, que vos criou. Mat. 5:46 Pois, se amardes aos que vos amam, que recompensa tereis? não fazem os publicanos também o mesmo? TJ 5:47 No decorrer das encarnações deveis treinar o vosso espírito e a vossa consciência e permitilos que se desenvolvam em perfeição, para que assim vos torneis um com a Criação. Mat. 5:47 E, se saudardes somente os vossos irmãos, que fazeis demais? não fazem os gentios também o mesmo? (O suposto Mateus fariseu se denunciou como sendo da fé judaica pois só um judeu chama ou chamava a um não judeu de gentio (pagão). Mat. 5:48 Sede vós, pois, perfeitos, como é perfeito o vosso Pai celestial Capítulo 6 Esmolas, Jejum, Tesouros, Preocupações TJ 6:1 Atentai-vos com a vossa piedade, que vós a pratiqueis diante das pessoas com palavras corretas, para que não sejais acusados de mentira e por isso não encontrareis recompensas delas. Mat. 6:1 Guardai-vos de fazer as vossas boas obras diante dos homens, para serdes vistos por eles; de outra sorte não tereis recompensa junto de vosso Pai, que está nos céus. TJ 6:2 Escolhei as vossas palavras usando a lógica natural, e as elaboreis baseando-vos no conhecimento e no comportamento da natureza. Mat. 6:2 Quando, pois, deres esmola, não faças tocar trombeta diante de ti, como fazem os hipócritas nas sinagogas e nas ruas, para serem glorificados pelos homens. Em verdade vos digo que já receberam a sua recompensa. TJ 6:3 Quando dardes esmolas, não as deveis proclamá-las, assim como o fazem os hipócritas nas sinagogas e nas ruas, para que sejam glorificados pelas pessoas; em verdade, eu vos digo, eles perderam a sua recompensa, pois as suas esmolas servem apenas aos seus egoísmos. Mat. 6:3 Mas, quando tu deres esmola, não saiba a tua mão esquerda o que faz a direita; TJ 6:4 E quando orardes, não deveis ser como os hipócritas, que apreciam ficar em pé e oram nas sinagogas e nas esquinas das ruas, pois oram apenas pelo bem de seu egoísmo e pela impressão que causam sobre as pessoas. Mat. 6:4 para que a tua esmola fique em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará. TJ 6:5 Quando orardes, deveis invocar a onipotência do espírito e não balbuciar tolices ilusórias como fazem os adoradores de ídolos, os ignorantes, e o egoísta, pois eles pensam que são ouvidos ao se utilizarem de muitas palavras. 22

23 Mat. 6:5 E, quando orardes, não sejais como os hipócritas; pois gostam de orar em pé nas sinagogas, e às esquinas das ruas, para serem vistos pelos homens. Em verdade vos digo que já receberam a sua recompensa. TJ 6:6 O espírito Criação, que é parte do ser humano, não tem necessidade de muitas palavras, mas os humanos tem que conhecerem o quão poderoso ele é. Mat. 6:6 Mas tu, quando orares, entra no teu quarto e, fechando a porta, ora a teu Pai que está em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará. TJ 6:7 Orai, portanto, para a onipotência do espírito, com o conhecimento de que sua grandeza e poder são infinitos. Mat. 6:7 E, orando, não useis de vãs repetições, como os gentios; porque pensam que pelo seu muito falar serão ouvidos. TJ 6:8 Se vós não sabeis como orar diretamente para a toda poderosa força do espírito, fazei uso de algo sagrado através do qual podereis alcançar o espírito. Mat. 6:8 Não vos assemelheis, pois, a eles; porque vosso Pai sabe o que vos é necessário, antes de vós lho pedirdes. TJ 6:9 Mas não sejais como o ignorante, o hipócrita, os adoradores de ídolos, e o egoísta, que adoram algo sagrado na crença de que a onipotência do espírito habita nele. TJ 6:10 Mas sejais conscientes que a toda poderosa força do espírito habita sempre dentro de vós apesar de vosso uso de um objeto ou um lugar sagrado. TJ 6:11 Portanto, orai como aquele que sabe; assim deveis orar do seguinte modo: TJ 6:12 Meu espírito, tu existes em onipotência. Mat. 6:9 Portanto, orai vós deste modo: Pai nosso que estás nos céus, santificado seja o teu nome; (O suposto Mateus alterou o sentido do texto!) TJ 6:13 Sagrado seja o teu nome. Mat. 6:10 venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu; TJ 6:14 Que o teu reino se encarne em mim. TJ 6:15 Que o teu poder se desenvolva dentro de mim, assim na Terra como no céus. TJ 6:16 Dai-me hoje o meu pão de cada dia, para que eu possa reconhecer os meus erros e a verdade. Mat. 6:11 o pão nosso de cada dia nos dá hoje; TJ 6:17 E não me deixes cair em tentação e na confusão, mas livrai-me do erro. Mat. 6:12 e perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós também temos perdoado aos nossos devedores; TJ 6:18 Pois teu é o reino dentro de mim e o poder e o conhecimento para sempre. Amém. Mat. 6:13 e não nos deixes entrar em tentação; mas livra-nos do mal. [Porque teu é o reino e o poder, e a glória, para sempre, Amém.] TJ 6:19 Quando orardes para o vosso espírito, ele vos dará o que pedis; confiai nesse conhecimento e recebereis. Mat. 6:14 Porque, se perdoardes aos homens as suas ofensas, também vosso Pai celestial vos perdoará a vós; TJ 6:20 Mas se acreditais nos falsos ensinamentos de que o poder e o espírito não habita em vós, então sereis sem conhecimento e vivereis em pobreza espiritual. Mat. 6:15 se, porém, não perdoardes aos homens, tampouco vosso Pai perdoará vossas ofensas. TJ 6:21 Agora e então, recebereis o que vós, em vossa falsa crença, pedistes das coisas sagradas usadas erroneamente, ou dos ídolos e deuses; mas recebereis somente por causa de vossas fortes crenças falsas, sem o conhecimento da verdade real. TJ 6:22 Em verdade, eu vos digo: Bem-aventurados aqueles que servem a verdade verdadeira e ao conhecimento, porque somente eles receberão em honestidade. TJ 6:23 Quando jejuardes não aparenteis serdes azedos como os hipócritas, pois eles fazem caras pretensiosas, de modo a brilharem com os seus jejuns diante das pessoas. Mat. 6:16 Quando jejuardes, não vos mostreis contristrados como os hipócritas; porque eles desfiguram os seus rostos, para que os homens vejam que estão jejuando. Em verdade vos digo que já receberam a sua recompensa. 23

24 TJ 6:24 Em verdade, eu vos digo: Eles perderam a sua recompensa, porque eles jejuam somente em nome de suas impressões egoísticas sobre os outros. TJ 6:25 Mas quando jejuardes, untai a vossa cabeça e lavai o vosso rosto, para que não brilheis diante das pessoas com o vosso jejum, mas diante de vosso próprio espírito, que está oculto. Mat. 6:17 Tu, porém, quando jejuares, unge a tua cabeça, e lava o teu rosto, TJ 6:26 Jejueis pelo bem de vossa própria saúde e pela expansão de vossa consciência, do espírito e do vosso conhecimento. Mat. 6:18 para não mostrar aos homens que estás jejuando, mas a teu Pai, que está em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará. TJ 6:27 Nem deveis vós juntar grandes tesouros na Terra, onde as traças e a ferrugem os consumem e os ladrões atacam e os roubam. Mat. 6:19 Não ajunteis para vós tesouros na terra; onde a traça e a ferrugem os consomem, e onde os ladrões minam e roubam; TJ 6:28 Mas ajuntai tesouros no espírito e na consciência, onde nem a traça nem a ferrugem os consumem e onde os ladrões não podem entrar, nem roubá-los. Mat. 6:20 mas ajuntai para vós tesouros no céu, onde nem a traça nem a ferrugem os consumem, e onde os ladrões não minam nem roubam. TJ 6:29 Pois onde estiver o vosso tesouro, ai também estará o vosso coração; e o verdadeiro tesouro é a sabedoria e o conhecimento. Mat. 6:21 Porque onde estiver o teu tesouro, aí estará também o teu coração. 21 TJ 6:30 O olho é a luz de vosso corpo. Mat. 6:22 A candeia do corpo são os olhos; de sorte que, se os teus olhos forem bons, todo teu corpo terá luz; TJ 6:31 Quando vosso olho está limpo, todo vosso corpo será uma luz. TJ 6:32 Mas se vosso olho é mau, vosso corpo inteiro será escuro. Mat. 6:23 se, porém, os teus olhos forem maus, o teu corpo será tenebroso. Se, portanto, a luz que em ti há são trevas, quão grandes são tais trevas! TJ 6:33 Agora se a luz dentro de vós são trevas, quão grande será então a escuridão! TJ 6:34 Ninguém pode servir a dois senhores; ou se odiará um e se amará o outro, ou se apegará a um e desprezará o outro. Mat. 6:24 Ninguém pode servir a dois senhores; porque ou há de odiar a um e amar o outro, ou há de dedicar-se a um e desprezar o outro. Não podeis servir a Deus e às riquezas. TJ 6:35 Não podeis servir ao vosso espírito e a Mamom. TJ 6:36 Por isso, eu vos digo, preocupai-vos quanto ao conhecimento de vosso espírito, e além disso, com o que ireis comer e beber, e preocupai-vos quanto ao vosso corpo e como o ireis vesti-lo. Mat. 6:25 Por isso vos digo: Não estejais ansiosos quanto à vossa vida, pelo que haveis de comer, ou pelo que haveis de beber; nem, quanto ao vosso corpo, pelo que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o alimento, e o corpo mais do que o vestuário? (O suposto Mateus falsificou o texto trocando todas as palavras!) TJ 6:37 Pois não são o espírito, a vida, e o corpo, mais importantes do que os tesouros do mundo? TJ 6:38 O espírito humano, que é sedento pela verdade e pelo conhecimento, é incapaz de preservar a sua vida terrena sem o corpo, pois juntos o corpo e o espírito são um. TJ 6:39 Assim, deveis vos preocupar em ampliardes o vosso conhecimento pelo bem de vosso espírito, e quanto as leis da vida, e quanto a alimentação, a bebida, e a vestimenta de vosso corpo. TJ 6:40 Olhai os pássaros no céu: eles não semeiam, eles não ceifam, eles não estocam a sua comida em celeiros, e ainda assim a Criação os alimenta. Mat. 6:26 Olhai para as aves do céu, que não semeiam, nem ceifam, nem ajuntam em celeiros; e vosso Pai celestial as alimenta. Não valeis vós muito mais do que elas? TJ 6:41 Não sois vós muito mais do que eles? TJ 6:42 Olhai os pássaros no céu: eles devoram o insetos daninhos, e possuem plumas para se vestirem, e ainda assim não possuem espírito capaz de evoluir. Mat. 6:27 Ora, qual de vós, por mais ansioso que esteja, pode acrescentar um côvado à sua estatura? Mat. 6:28 E pelo que haveis de vestir, por que andais ansiosos? Olhai para os lírios do campo, como crescem; não trabalham nem fiam; (De onde tu tiraste estes lírios Mateus.???) 24

25 TJ 6:43 Eles trabalham para cumprirem as suas tarefas, e são alimentados e vestidos pela Criação. TJ 6:44 Não sois vós muito mais do que eles? TJ 6:45 Podeis pensar independentemente por meio de vossa livre consciência; podeis trabalhar independemente e podeis preparar alimento e beber e vestir os vossos corpos independentemente. TJ 6:46 Eu vos digo, mesmo Salomão em todo o seu esplendor ostentava-se como um deles. Mat. 6:29 contudo vos digo que nem mesmo Salomão em toda a sua glória se vestiu como um deles. TJ 6:48 A Criação nutre e veste o capim nos campos, que hoje está em pé e amanhã é lançado na fornalha. Não deveis vós fazer muito mais para vós mesmos? Mat. 6:30 Pois, se Deus assim veste a erva do campo, que hoje existe e amanhã é lançada no forno, quanto mais a vós, homens de pouca fé? TJ 6:49 O capim cumpre a sua missão servindo como forragem e combustível; mas não sois vós muito mais valiosos que o capim, Oh, vós de pouco conhecimento? Mat. 6:31 Portanto, não vos inquieteis, dizendo: Que havemos de comer? ou: Que havemos de beber? ou: Com que nos havemos de vestir? TJ 6:50 Portanto, deveis cuidar da sabedoria e do conhecimento de vosso espírito, e tomardes cuidado para que não sofrais pela falta de alimento, da bebida, e do que vestir. Mat. 6:32 (Pois a todas estas coisas os gentios procuram.) Porque vosso Pai celestial sabe que precisais de tudo isso. TJ 6:51 Em verdade, eu vos digo, se sofreis de fome, sede, e nudez, então a sabedoria e o conhecimento serão abarrotados pela preocupação. TJ 6:52 Procurai primeiro pelo reino de vosso espírito e seu conhecimento, e então procurai confortar o vosso corpo com comida, bebida, e vestimenta. TJ 6:53 Portanto, cuidai do dia de amanhã pois o amanhã não irá tomar conta de vós por si mesmo. Mat. 6:34 Não vos inquieteis, pois, pelo dia de amanhã; porque o dia de amanhã cuidará de si mesmo. Basta a cada dia o seu mal. (O suposto Mateus trocou as palavras!) TJ 6:54 Já é o suficiente que cada dia possua os seus próprios problemas, portanto, vós não deveis estar a mercê das necessidades de vosso bem estar físico. Capítulo 7 O Espírito do Julgamento TJ 7:1 Não julgueis em falso, para que não sejais falsamente julgado. Mat.7:1 Não julgueis, para que não sejais julgados. TJ 7:2 Porque com qualquer juízo com que julgardes vós sereis julgado. Mat. 7:2 Porque com o juízo com que julgais, sereis julgados; e com a medida com que medis vos medirão a vós. TJ 7:3 Julgai de acordo com a lógica das leis da natureza, que são da Criação, pois somente elas possuem sua verdade e retidão. TJ 7:4 Por que reparas tu no argueiro que está no olho de teu irmão e não reparas na trave que está em teu próprio olho? Mat. 7:3 E por que vês o argueiro no olho do teu irmão, e não reparas na trave que está no teu olho? TJ 7:5 Ou, como ousas dizer ao teu irmão: Esperes, eu retirarei o argueiro do teu olho? E, vês! Há uma trave em teu próprio olho. Mat. 7:4 Ou como dirás a teu irmão: Deixa-me tirar o argueiro do teu olho, quando tens a trave no teu? TJ 7:6 Hipócrita! Tira primeiro a trave do teu próprio olho e então cuidarás de tirar o argueiro do olho do teu irmão. Mat. 7:5 Hipócrita! tira primeiro a trave do teu olho; e então verás bem para tirar o argueiro do olho do teu irmão. TJ 7:7 Aprendes primeiro as leis da natureza e da Criação, e sua lógica, antes de julgar e condenar e desejar observares as faltas do teu próximo. TJ 7:8 Através das leis da natureza e da Criação, aprendes primeiro a reconhecer as tuas próprias faltas, para que então aprendas a corrigir as faltas do teu próximo. 25

26 TJ 7:9 Não deveis dar as coisas sagradas aos cães, nem lançardes vossas pérolas diante dos porcos para que não as pisem com os pés, e, voltando-se, vos despedacem. Mat. 7:6 Não deis aos cães o que é santo, nem lanceis aos porcos as vossas pérolas, para não acontecer que as calquem aos pés e, voltando-se, vos despedacem. TJ 7:10 Em verdade, eu vos digo: Não atireis o vosso tesouro espiritual na lama e não o desperdiceis naquilo que é indigno, pois não vos agradecerão e irão vos despedaçar, porque sua compreensão é pequena e seu espírito é fraco. Resposta a Oração TJ 7:11 Pedi e vós sereis dado; buscai e vós encontrareis, batei e se abrirá para vós. Mat. 7:7 Pedí, e dar-se-vos-á; buscai, e achareis; batei e abrir-se-vos-á. TJ 7:12 Porque aquele que pede de seu espírito, receberá e o que busca através do poder de seu espírito, encontrará; e aquele que bate à porta de seu espírito, para essa pessoa a porta se abrirá. Mat. 7:8 Pois todo o que pede, recebe; e quem busca, acha; e ao que bate, abrir-se-lhe-á. TJ 7:13 Quem dentre vós daria a vosso filho uma pedra se ele vos pede por pão? Mat. 7:9 Ou qual dentre vós é o homem que, se seu filho lhe pedir pão, lhe dará uma pedra? TJ 7:14 Ou lhe oferece uma cobra se ele pede por um peixe? Mat. 7:10 Ou, se lhe pedir peixe, lhe dará uma serpente? TJ 7:15 Então se vós, embora sendo maus, podeis entretanto dar a vossos filhos bons presentes, quanto mais o vosso espírito vos daria, se vos pedireis. Mat. 7:11 Se vós, pois, sendo maus, sabeis dar boas dádivas a vossos filhos, quanto mais vosso Pai, que está nos céus, dará boas coisas aos que lhas pedirem? O Desejo do Espírito TJ 7:16 Tudo aquilo que desejais que as pessoas vos façam, fazei-lho também vós. Mat. 7:12 Portanto, tudo o que vós quereis que os homens vos façam, fazei-lho também vós a eles; porque esta é a lei e os profetas. TJ 7:17 Esta é a lei dada através dos profetas. TJ 7:18 Entrai pelo portal estreito Mat. 7:13 Entrai pela porta estreita; porque larga é a porta, e espaçoso o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela; TJ 7:19 O portal é largo, e espaçoso é o caminho que leva à perdição, e muitos são aqueles que viajam por ele. TJ 7:20 E estreito é o portal, e apertado é o caminho que conduz à vida e ao conhecimento, e poucos são aqueles que o encontram. Mat. 7:14 e porque estreita é a porta, e apertado o caminho que conduz à vida, e poucos são os que a encontram. TJ 7:21 Acautelai-vos com os falsos profetas e com os escribas, que vêm até vós vestidos como ovelhas, mas interiormente são como lobos devoradores, pregando-vos a submissão diante dos templos, das falsas divindades e deuses, e pregam a submissão aos ídolos e aos falsos ensinamentos. Mat. 7:15 Guardai-vos dos falsos profetas, que vêm a vós disfarçados em ovelhas, mas interiormente são lobos devoradores. TJ 7:22 Acautelai-vos com aqueles que vos proíbem acesso à sabedoria e ao conhecimento, pois eles vos falam apenas para obterem poder sobre vós e para tomarem os vossos bens e pertences. TJ 7:23 Por seus frutos vós os reconhecereis. Mat. 7:16 Pelos seus frutos os conhecereis. Colhem-se, porventura, uvas dos espinheiros, ou figos dos abrolhos? TJ 7:24 Pode-se colher uvas dos espinheiros, ou figos dos abrolhos? TJ 7:25 Portanto, cada boa semente dá uma boa colheita, mas uma semente apodrecida dá uma má colheita. Mat. 7:17 Assim, toda árvore boa produz bons frutos; porém a árvore má produz frutos maus. TJ 7:26 Uma árvore boa nunca dá frutos ruins, e uma árvore apodrecida nunca dá bons frutos. Mat. 7:18 Uma árvore boa não pode dar maus frutos; nem uma árvore má dar frutos bons. TJ 7:27 Por isso, por seus frutos vós os reconhecereis. Mat. 7:20 Portanto, pelos seus frutos os conhecereis 26

27 TJ 7:28 Portanto, qualquer um que ouvir estas minhas palavras e agir baseando-se nelas será como o homem inteligente que construiu sua casa sobre a rocha. Mat. 7:24 Todo aquele, pois, que ouve estas minhas palavras e as põe em prática, será comparado a um homem prudente, que edificou a casa sobre a rocha. TJ 7:29 Agora, quando caiu a chuva e vieram as águas e assopraram os ventos e se abateram sobre a casa e ela não caiu, porque estava edificada sobre a rocha. Mat. 7:25 E desceu a chuva, correram as torrentes, sopraram os ventos, e bateram com ímpeto contra aquela casa; contudo não caiu, porque estava fundada sobre a rocha. TJ 7:30 Aquele que ouve estas palavras, e não as cumpre, é como um homem insensato que construiu sua casa sobre a areia. Mat. 7:26 Mas todo aquele que ouve estas minhas palavras, e não as põe em prática, será comparado a um homem insensato, que edificou a sua casa sobre a areia. TJ 7:31 Quando veio a chuva e vieram as águas e assopraram os ventos sobre a casa, ela desmoronou e grande foi a sua queda. Mat. 7:27 E desceu a chuva, correram as torrentes, sopraram os ventos, e bateram com ímpeto contra aquela casa, e ela caiu; e grande foi a sua queda. TJ 7:32 E aconteceu que após Jmmanuel ter terminado a sua fala, o povo ficou espantado por seus ensinamentos. Mat. 7:28 Ao concluir Jesus este discurso, as multidões se maravilhavam da sua doutrina; TJ 7:33 Ele ensinava, com autoridade, uma nova doutrina; diferente daquela dos escribas. Mat. 7:29 porque as ensinava como tendo autoridade, e não como os escribas. Capítulo 8 A Cura do Leproso TJ 8:1 Quando ele desceu da montanha, muitas pessoas o seguiram. Mat. 8:1 Quando Jesus desceu do monte, grandes multidões o seguiam. TJ 8:2 Vede! Um leproso veio e ajoelhou-se diante dele, e disse: Senhor, se tu desejares, podes tornar-me limpo. Mat. 8:2 E eis que veio um leproso e o adorava, dizendo: Senhor, se quiseres, podes tornar-me limpo. TJ 8:3 E Jmmanuel estendeu a sua mão, tocou-o e disse: Eu o farei. Estejas limpo. E imediatamente ele se limpou de sua lepra. Mat. 8:3 Jesus, pois, estendendo a mão, tocou-o, dizendo: Quero; sê limpo. No mesmo instante ficou purificado da sua lepra. TJ 8:4 E Jmmanuel falou-lhe: Cuides para que não digas nada a ninguém. Ao invés disso vai e apresenta-te ao sacerdote. Mat. 8:4 Disse-lhe então Jesus: Olha, não contes isto a ninguém; mas vai, mostra-te ao sacerdote, e apresenta a oferta que Moisés determinou, para lhes servir de testemunho. TJ 8:5 Fostes curado através do poder do espírito e da sabedoria do conhecimento. O Centurião em Cafarnaum TJ 8:6 Quando Jmmanuel foi a Cafarnaum, um centurião se dirigiu até ele com um pedido, dizendolhe: Mat. 8:5 Tendo Jesus entrado em Cafarnaum, chegou-se a ele um centurião que lhe rogava, dizendo: TJ 8:7 Senhor, meu criado está em casa deitado incapacitado com gota, e se encontra em grande tormento. Mat. 8:6 Senhor, o meu criado jaz em casa paralítico, e horrivelmente atormentado. TJ 8:8 Senhor, eu ouvi os teus novos ensinamentos e sei da verdade de tua sabedoria, que diz que o espírito humano pode realizar milagres através do conhecimento da verdade. TJ 8:9 Jmmanuel falou-lhe, Eu irei e o farei ficar são. 27

28 Mat. 8:7 Respondeu-lhe Jesus: Eu irei, e o curarei. TJ 8:10 O centurião respondeu: Senhor, eu não sou digno de que entres sob o meu teto, mas apenas digas a palavra e meu criado ficará são. Mat. 8:8 O centurião, porém, replicou-lhe: Senhor, não sou digno de que entres debaixo do meu telhado; mas somente dize uma palavra, e o meu criado há de sarar. TJ 8:11 Eu, também estou sujeito a autoridade, e eu também possuo soldados sob as minhas ordens. Se eu dizer para um: Vai! e ele vai, e para outro: Venhas até aqui! e ele vem, e para o meu criado: Faze isto! e ele o faz. Mat. 8:9 Pois também eu sou homem sujeito à autoridade, e tenho soldados às minhas ordens; e digo a este: Vai, e ele vai; e a outro: Vem, e ele vem; e ao meu servo: Faze isto, e ele o faz. TJ 8:12 Quando Jmmanuel ouviu isso, ele maravilhou-se e falou para aqueles que o seguiam: Em verdade, eu vos digo, nunca encontrei tal confiança em ninguém em Israel. Mat. 8:10 Jesus, ouvindo isso, admirou-se, e disse aos que o seguiam: Em verdade vos digo que a ninguém encontrei em Israel com tamanha fé. TJ 8:13 Mas eu vos digo, muitos virão do leste e do oeste, do sul e do norte, e entenderão os meus ensinamentos e reconhecerão a sua sabedoria em conhecimento. Mat. 8:11 Também vos digo que muitos virão do oriente e do ocidente, e reclinar-se-ão à mesa de Abraão, Isaque e Jacó, no reino dos céus; (O suposto Mateus falsificou a Verdade!) TJ 8:14 Contudo, os filhos de Israel serão lançados nas trevas; ali haverá choro e ranger de dentes. Mat. 8:12 mas os filhos do reino serão lançados nas trevas exteriores; ali haverá choro e ranger de dentes. (O suposto redator Mateus alterou o sentido da passagem!) TJ 8:15 Os falsos ensinamentos de Israel trarão o derramamento de sangue por milênios, porque o egoísmo faminto de poder e a arrogância de Israel trarão a morte e a destruição sobre a terra e por todo o mundo. TJ 8:16 Afastai-vos dos falsos ensinamentos das autoridades israelitas e de seus escribas, pois eles trarão a destruição para sucessivas gerações. TJ 8:17 Os israelitas acreditam ser o povo escolhido. De modo algum é este o caso, porque eles são mais desleais e sem conhecimento do que o ignorante a quem faltam os segredos das leis da Criação. TJ 8:18 E Jmmanuel falou ao centurião: Vai, que seja feito como esperais. E o criado ficou são na mesma hora. Mat. 8:13 Então disse Jesus ao centurião: Vai-te, e te seja feito assim como creste. E naquela mesma hora o seu criado sarou. Jmmanuel na Casa de Pedro TJ 8:19 E Jmmanuel veio até a casa de Pedro e viu que sua sogra estava acamada; doente e com febre. Mat. 8:14 Ora, tendo Jesus entrado na casa de Pedro, viu a sogra deste de cama; e com febre. TJ 8:20 Ele tocou a mão dela, a febre saiu e ela levantou-se e o serviu. Mat. 8:15 E tocou-lhe a mão, e a febre a deixou; então ela se levantou, e o servia. TJ 8:21 Contudo, a noite, eles lhe trouxeram muitos que estavam possuídos, e ele expulsou todos os maus espíritos através da sua palavra e fez com que todos os doentes ficassem sãos. Mat. 8:16 Caída a tarde, trouxeram-lhe muitos endemoninhados; e ele com a sua palavra expulsou os espíritos, e curou todos os enfermos; TJ 8:22 Assim, o que fora dito através do profeta Isaias cumpria-se, que falou: Ele nos trouxe novos ensinamentos de conhecimento e tomou para si as nossas enfermidades, e curou os nossos doentes. Mat. 8:17 para que se cumprisse o que fora dito pelo profeta Isaías: Ele tomou sobre si as nossas enfermidades, e levou as nossas doenças. Sobre a Seriedade do Discípulado TJ 8:23 E quando Jmmanuel viu muitos doentes em torno de si, ele ordenou que lhe atravessassem para a outra praia. 28

29 Mat. 8:18 Vendo Jesus uma multidão ao redor de si, deu ordem de partir para o outro lado do mar. TJ 8:24 E um escriba se dirigiu até ele, e disse: Senhor, eu te seguirei para onde quer que fores. Mat. 8:19 E, aproximando-se um escriba, disse-lhe: Mestre, seguir-te-ei para onde quer que fores. TJ 8:25 Jmmanuel disse-lhe: As raposas tem covis, e as aves do céu tem ninhos, mas eu não tenho um lugar fixo onde repousar a minha cabeça. Mat. 8:20 Respondeu-lhe Jesus: As raposas tem covis, e as aves do céu tem ninhos; mas o Filho do homem não tem onde reclinar a cabeça. (O suposto Mateus falsificou a Verdade!) TJ 8:26 Eu tenho a missão de pregar a sabedoria e o conhecimento, portanto eu percorro incansavelmente por todas as terras. TJ 8:27 E um outro, um de seus discípulos, lhe disse: Senhor, permite-me que eu vá e sepulte o meu pai que acabou de morrer. Mat. 8:21 E outro de seus discípulos lhe disse: Senhor, permite-me ir primeiro sepultar meu pai. TJ 8:28 Jmmanuel, porém, disse-lhe: Segue-me e deixai que os mortos sepultem os seus mortos. Mat. 8:22 Jesus, porém, respondeu-lhe: Segue-me, e deixa os mortos sepultar os seus próprios mortos. A Cura de Duas Pessoas Possuídas TJ 8:29 E ele chegou na outra praia, do outro lado, na área de Gadarenes. Ali, duas pessoas possuídas correram até ele; elas vieram das cavernas, que eram sepulcros, e eram muito perigosas, de modo que ninguém podia caminhar naquela rua. Mat. 8:28 Tendo ele chegado ao outro lado, à terra dos gadarenos, saíram-lhe ao encontro dois endemoninhados, vindos dos sepulcros; tão ferozes eram que ninguém podia passar por aquele caminho. Mat. 8:23 E, entrando ele no barco, seus discípulos o seguiram. (INVENTADO!!!) Mat. 8:24 E eis que se levantou no mar tão grande tempestade que o barco era coberto pelas ondas; ele, porém, estava dormindo. (Dormindo??? embaixo de uma tempestade no mar????) Mat. 8:25 Os discípulos, pois, aproximando-se, o despertaram, dizendo: Salva-nos, Senhor, que estamos perecendo. (TEXTO INVENTADO!!!) Mat. 8:26 Ele lhes respondeu: Por que temeis, homens de pouca fé? Então, levantando-se repreendeu os ventos e o mar, e seguiu-se grande bonança. (INVENTADO!!!) Mat. 8:27 E aqueles homens se maravilharam, dizendo: Que homem é este, que até os ventos e o mar lhe obedecem? (Mat 8:23 até 8:27 não existe no Talmud Jmmanuel pois foi estória inventada pelo falsificador supostamente Mateus TEXTOS INVENTADOS!). TJ 8:30 E vede! Elas gritavam, dizendo: O que tu queres de nós, filho de Gabrjel, o filho celestial? Mat. 8:29 E eis que gritaram, dizendo: Que temos nós contigo, Filho de Deus? Vieste aqui atormentar-nos antes do tempo?( Foi alterado o sentido da passagem!) TJ 8:31 Vieste atormentar-nos antes do tempo? TJ 8:32 Então, os espíritos malignos, dentro dos possuídos, lhe perguntaram: Senhor, se tens a intenção de nos expulsar, então deixa-nos entrar naquela manada de porcos pastando ali. Mat. 8:30 Ora, a alguma distância deles, andava pastando uma grande manada de porcos. Mat. 8:31 E os demônios rogavam-lhe, dizendo: Se nos expulsas, manda-nos entrar naquela manada de porcos TJ 8:33 E ele falou: Ide até lá então. TJ 8:34 Então, saindo eles, se introduziram nos suínos e, vede, toda a manada de porcos correu para dentro d água e se afogaram. Mat. 8:32 Disse-lhes Jesus: Ide. Então saíram, e entraram nos porcos; e eis que toda a manada se precipitou pelo despenhadeiro no mar, perecendo nas águas. TJ 8:35 Os porqueiros fugiram e foram para a cidade e contaram tudo, incluindo o que havia acontecido aos possuídos. Mat. 8:33 Os pastores fugiram e, chegando à cidade, divulgaram todas estas coisas, e o que acontecera aos endemoninhados. TJ 8:36 E, vede! Toda a cidade veio e se aproximou de Jmmanuel. 29

30 Mat. 8:34 E eis que toda a cidade saiu ao encontro de Jesus; e vendo-o, rogaram-lhe que se retirasse dos seus termos. TJ 8:37 E quando o viram, eles lhe pediram para partir e deixar a área. Capítulo 9 A Cura do Paralítico TJ 9:1 Então eles entraram no barco, e voltaram novamente para o outro lado e chegaram até a cidade dele. Mat. 9:1 E entrando Jesus num barco, passou para o outro lado, e chegou à sua própria cidade. TJ 9:2 E, vede! Eles lhe trouxeram um paralítico deitado numa cama. Quando Jmmanuel viu a sua fé, ele falou ao paralítico: Anime-se, porque tua fé no poder de meu espírito e tua confiança em meus ensinamentos de sabedoria, que são os ensinamentos da natureza e da Criação, te ajudou. Mat. 9:2 E eis que lhe trouxeram um paralítico deitado num leito. Jesus, pois, vendo-lhes a fé, disse ao paralítico: Tem ânimo, filho; perdoados são os teus pecados. (Uma pobre pessoa paralitica por causa de seus pecados??? ) TJ 9:3 E, vede! Alguns dos escribas começaram a incitar conversas entre as pessoas: Este homem blasfema à deus e nossos sagrados ensinamentos. Mat. 9;3 E alguns dos escribas disseram consigo: Este homem blasfema. TJ 9:4 Mas já que Jmmanuel entendia os seus pensamentos, falou-lhes: Por que pensais tais pensamentos maus contra o vosso melhor conhecimento. Mat. 9:4 Mas Jesus, conhecendo-lhes os pensamentos, disse: Por que pensais o mal em vossos corações? TJ 9:5 E ainda, qual é mais fácil dizer: Tua fé te ajudou: ou dizer: Levanta-te e anda? Mat. 9:5 Pois qual é mais fácil? dizer: Perdoados são os teus pecados, ou dizer: Levanta-te e anda? TJ 9:6 Para que vós, então, possais saber que eu sou uma pessoa como vós e ainda assim sei como usar o poder de meu espírito através de meu conhecimento, eu ordeno ao paralítico: Levanta-te, pegues a tua cama e vai para casa! Mat. 9:6 Ora, para que saibais que o Filho do homem tem sobre a terra autoridade para perdoar pecados (disse então ao paralítico): Levanta-te, toma o teu leito, e vai para tua casa. (Inventado pelo suposto Mateus, fariseu e escriba que só conhecia as palavras pecado, diabo, céu, pai celestial e outras inverdades!) TJ 9:7 E ele ficou em pé, pegou a sua cama e foi para casa. Mat. 9:7 E este, levantando-se, foi para sua casa. TJ 9:8 Quando o povo viu isso ficou temeroso e louvou os novos e maravilhosos ensinamentos de Jmmanuel, que podia dar tamanho poder aos humanos. Mat. 9:8 E as multidões, vendo isso, temeram, e glorificaram a Deus, que dera tal autoridade aos homens. Mateus TJ 9:9 E enquanto Jmmanuel partia ele viu um homem chamado Mateus sentado na alfândega e disse-lhe: Segue-me! E ele, levantando-se, o seguiu. Mat. 9:9 Partindo Jesus dali, viu sentado na coletoria um homem chamado Mateus, e disse-lhe: Segue-me. E ele, levantando-se, o seguiu. TJ 9:10 E aconteceu que ele estava sentado à mesa, comendo em casa, e vede, muitos coletores de impostos, pessoas ignorantes, e buscadores da verdade vieram e comeram à mesa com Jmmanuel e seus discípulos. Mat. 9:10 Ora, estando ele à mesa em casa, eis que chegaram muitos publicanos e pecadores, e se reclinaram à mesa juntamente com Jesus e seus discípulos. TJ 9:11 Quando os Fariseus viram isso, disseram aos seus discípulos: Por que o vosso mestre come com os coletores de impostos e com os ignorantes? 30

31 Mat. 9:11 E os fariseus, vendo isso, perguntavam aos discípulos: Por que come o vosso Mestre com publicanos e pecadores? TJ 9:12 Quando Jmmanuel ouviu isso, falou: Os sãos não necessitam de médicos, mas os doentes sim; os que conhecem não necessitam dos ensinamentos, mas os ignorantes sim. Aqueles que não foram desencaminhados não necessitam dos ensinamentos, mas aqueles que foram desencaminhados sim. Mat. 9:12 Jesus, porém, ouvindo isso, respondeu: Não necessitam de médico os sãos, mas sim os enfermos. TJ 9:13 Ide, portanto, e reconhecei a falsidade de vossos ensinamentos errôneos, para que assim não desencaminheis aquelas pessoas que tem sede pela verdade. Mat. 9:13 Ide, pois, e aprendei o que significa: Misericórdia quero, e não sacrifícios. Porque eu não vim chamar justos, mas pecadores. O Jejum TJ 9:14 Então os discípulos de João se dirigiram até ele dizendo: Senhor, por que nós e os Fariseus jejuamos enquanto tu e os teus discípulos não jejuam? Mat. 9:14 Então vieram ter com ele os discípulos de João, perguntando: Por que é que nós e os fariseus jejuamos, mas os teus discípulos não jejuam? TJ 9:15 Mas Jmmanuel disse-lhes: Como podem os ignorantes jejuar e sofrer enquanto lhes é ensinado conhecimento? Mat. 9:15 Respondeu-lhes Jesus: Podem porventura ficar tristes os convidados às núpcias, enquanto o noivo está com eles? Dias virão, porém, em que lhes será tirado o noivo, e então hão de jejuar. TJ 9:16 E como pode o mestre jejuar enquanto ele ensina conhecimento aos ignorantes? TJ 9:17 Em verdade, eu vos digo, os vossos ensinamentos são falsos se jejuais conforme um dogma religioso; o jejum serve apenas para a saúde do corpo e para o crescimento do espírito. TJ 9:18 Ninguém faz remendo de pano novo em vestido velho, porque o remendo irá rasgar o vestido e a rotura se fará pior. Mat. 9:16 Ninguém põe remendo de pano novo em vestido velho; porque semelhante remendo tira parte do vestido, e faz-se maior a rotura. TJ 9:19 Nem se põe vinho novo em odres velhos pois a pele se rompe e o vinho irá vazar, e os odres se estragarão. Mas vinho novo é posto dentro de odres novos para que ambos sejam preservados. Mat. 9:17 Nem se deita vinho novo em odres velhos; do contrário se rebentam, derrama-se o vinho, e os odres se perdem; mas deita-se vinho novo em odres novos, e assim ambos se conservam A Filha de Jairus A Mulher com Hemofilia TJ 9:20 Enquanto ele falava com eles, vede, um dos líderes da comunidade veio e se ajoelhou diante dele, dizendo: Minha filha acabou de morrer, mas vem, e impõe-lhe a tua mão sobre ela para que ela viva. Mat. 9:18 Enquanto ainda lhes dizia essas coisas, eis que chegou um chefe da sinagoga e o adorou, dizendo: Minha filha acaba de falecer; mas vem, impõe-lhe a tua mão, e ela viverá. (Um sacerdote judeu??? adorando??? como se os judeus eram inimigos de Jmmanuel ainda mais um chefe de sinagoga???) TJ 9:21 E Jmmanuel se levantou e os seus discípulos o seguiram. Mat. 9:19 Levantou-se, pois, Jesus, e o foi seguindo, ele e os seus discípulos. TJ 9:22 E, vede! Uma mulher que tinha hemofilia por doze anos chegando por detrás dele tocou a orla de sua vestimenta. Mat. 9:20 E eis que certa mulher, que havia doze anos padecia de uma hemorragia, chegou por detrás dele e tocou-lhe a orla do manto; TJ 9:23 E dizia consigo mesma: Se eu pudesse tocar a sua vestimenta eu seria curada. Mat. 9:21 porque dizia consigo: Se eu tão-somente tocar-lhe o manto, ficarei sã. 31

32 TJ 9:24 Então Jmmanuel voltando-se e vendo-a disse: Tem ânimo, tua fé te ajudou. E daquela hora em diante a mulher ficou sã. Mat. 9:22 Mas Jesus, voltando-se e vendo-a, disse: Tem ânimo, filha, a tua fé te salvou. E desde aquela hora a mulher ficou sã. TJ 9:25 Quando ele chegou na casa do líder da comunidade e vendo os flauteiros e o alvoroço das pessoas ele falou: Mat. 9:23 Quando Jesus chegou à casa daquele chefe, e viu os tocadores de flauta e a multidão em alvoroço, TJ 9:26 Retirai-vos, que a menina não está morta, mas dorme. E eles riram dele. Mat. 9:24 disse; Retirai-vos; porque a menina não está morta, mas dorme. E riam-se dele. TJ 9:27 Mas logo que o povo foi posto fora, ele entrou e pegou-a pela mão e falou: Eu ordeno que te levantes e andes! Mat. 9;25 Tendo-se feito sair o povo, entrou Jesus, tomou a menina pela mão, e ela se levantou. TJ 9:28 E a moça levantou-se e caminhou, e logo espalhou-se a noticia a respeito por toda aquela terra. Mat. 9:26 E espalhou-se a notícia disso por toda aquela terra. Um Homem Cego e os dois Mudos TJ 9:29 E enquanto Jmmanuel partia, e seguindo dali, um homem cego o seguiu gritando: Oh!, Senhor, filho da sabedoria e do conhecimento, que podes usar de teu espírito, tenhas piedade de mim. Mat. 9:27 Partindo Jesus dali, seguiram-no dois cegos, que clamavam, dizendo: Tem compaixão de nós, Filho de Davi. (Texto Falso! Que Filho de Davi???? E como pode dois cegos andarem juntos??? Quem os guiavam??? Um cego guiando outro cego???) TJ 9:30 E enquanto ele chegava em sua casa, o homem cego se dirigiu até ele, e Jmmanuel faloulhe: Tens confiança de que eu posso fazer isto? E ele respondeu, sim, Senhor. Mat. 9:28 E, tendo ele entrado em casa, os cegos se aproximaram dele; e Jesus perguntou-lhes: Credes que eu posso fazer isto? Responderam-lhe eles: Sim, Senhor. TJ 9:31 Então Jmmanuel tocou-lhe em seus olhos, dizendo: Seja feito conforme a tua fé. Mat. 9:29 Então lhes tocou os olhos, dizendo: Seja-vos feito segundo a vossa fé. TJ 9:32 E seus olhos se abriram e ele enxergou. Mat. 9:30 E os olhos se lhes abriram. Jesus ordenou-lhes terminantemente, dizendo: Vede que ninguém o saiba. TJ 9:33 Então Jmmanuel advertiu-o dizendo-lhe: Cuida-te para que ninguém saiba o que aconteceu contigo. TJ 9:34 Contudo, o homem partiu e espalhou a notícia por toda a terra. Mat. 9:31 Eles, porém, saíram, e divulgaram a sua fama por toda aquela terra. TJ 9:35 Após a partida do homem, vede, eles trouxeram-lhe duas pessoas que eram mudas e possuídas. Mat. 9:32 Enquanto esses se retiravam, eis que lhe trouxeram um homem mudo e endemoninhado. TJ 9:36 E após os demônios malignos da auto ilusão terem sido expulsos, vede, os mudos podiam falar. Mat. 9:33 E, expulso o demônio, falou o mudo e as multidões se admiraram, dizendo: Nunca tal se viu em Israel. TJ 9:37 E o povo ficou maravilhado, dizendo: Tais coisas jamais foram vistas em Israel; quão poderosos são estes novos ensinamentos sobre o poder do espírito que eles podem realizar tais milagres. TJ 9:38 Contudo, os Fariseus disseram: Ele expulsa os maus espíritos através de seu chefe supremo, e blasfema à Deus, nosso Senhor. Mat. 9:34 Os fariseus, porém, diziam: É pelo príncipe dos demônios que ele expulsa os demônios. (O suposto Mateus, só pensava em demônios! Que não existem!) Mat. 9:35 E percorria Jesus todas as cidades e aldeias, ensinando nas sinagogas, pregando o evangelho do reino, e curando toda sorte de doenças e enfermidades. 32

33 TJ 9:39 Mas entre si, eles diziam: Quem é este Jmmanuel, que possuí sabedoria e conhecimento maiores do que nós! TJ 9:40 Seus ensinamentos são mais poderosos e verdadeiros do que os nossos, e portanto ele nos põe em perigo. TJ 9:41 Devemos tentar agarrá-lo para que ele sofra a morte. A grande Colheita TJ 9:42 E Jmmanuel seguia por todas as cidades e aldeias, ensinava nas sinagogas deles, e pregava o mistério da Criação e as leis da natureza, para que o espírito pudesse alcançar onipotência. Mat. 9:35 E percorria Jesus todas as cidades e aldeias, ensinando nas sinagogas, pregando o evangelho do reino, e curando toda sorte de doenças e enfermidades. (Texto alterado, falso!) TJ 9:43 Ele pregava a respeito do reino espiritual dentro dos humanos e curava todos os tipos de doenças e enfermidades. TJ 9:44 Quando ele via o povo, ficava com pena deles, pois estavam abatidos e se espalhavam como um rebanho de carneiros sem pastor. Mat. 9:36 Vendo ele as multidões, compadeceu-se delas, porque andavam desgarradas e errantes, como ovelhas que não tem pastor. TJ 9:45 Então, ele falou aos seus discípulos: A colheita é grande, mas poucos são os trabalhadores para serem trazidos à colheita. Mat. 9:37 Então disse a seus discípulos: Na verdade, a seara é grande, mas os trabalhadores são poucos. TJ 9:46 Buscai e orai em vossas consciências para que mais trabalhadores sejam encontrados para a colheita. Mat. 9:38 Rogai, pois, ao Senhor da seara que mande trabalhadores para a sua seara. TJ 9:47 E aconteceu que mais trabalhadores para a colheita foram encontrados, e que se reuniram em torno de Jmmanuel para se tornarem discípulos. Capítulo 10 Nomeação dos Discípulos TJ 10:1 E ele chamou os seus doze discípulos até ele e lhes deu o conhecimento para controlar os espíritos impuros, para que eles pudessem expulsá-los e curarem todas as doenças e enfermidades. Mat. 10:1 E, chamando a si os seus doze discípulos, deu-lhes autoridade sobre os espíritos imundos, para expulsarem, e para curarem toda sorte de doenças e enfermidades. TJ 10:2 Estes são os nomes dos doze discípulos: Simão, chamado Pedro, e André, seu irmão; Tiago, filho de Zebedeu, e João, seu irmão; Mat. 10:2 Ora, os nomes dos doze apóstolos são estes: primeiro, Simão, chamado Pedro, e André, seu irmão; Tiago, filho de Zebedeu, e João, seu irmão; TJ 10:3 Filipe e Bartolomeu, Tomé e Mateus, o coletor de impostos; Tiago, filho de Alfeu, e Tadeu; Mat. 10:3 Felipe e Bartolomeu; Tomé e Mateus, o publicano; Tiago, filho de Alfeu, e Tadeu; TJ 10:4 Simão Cananeu, e Judas Iscariotes, o único, além de Jmmanuel, que entendia caligrafia. Mat. 10:4 Simão Cananeu, e Judas Iscariotes, aquele que o traiu.(texto falso! Calunioso!) TJ 10:5 Jmmanuel enviou estes doze, e lhes ordenou, dizendo: Não ireis pelas ruas de Israel, e não ireis aos escribas e Fariseus, mas ireis para as cidades dos samaritanos e aos ignorantes em todas as partes do mundo. Mat. 10:5 A estes doze enviou Jesus, e ordenou-lhes, dizendo: Não ireis aos gentios, nem entrareis em cidade de samaritanos; (O suposto Mateus, pede para que os discípulos não vão aos gentios, ou seja, aos não judeus, trocou o sentido do texto.) TJ 10:6 Uma vez em que eu houver vos deixado, ireis àqueles aos quais faltam a compreensão, aos adoradores de ídolos, e aos ignorantes, porque eles não pertencem à casa de Israel, que trará a morte e o derramamento de sangue para o mundo. 33

34 Mat. 10:6 mas ide antes às ovelhas perdidas da casa de Israel; (O suposto falsificador. Jmmanuel jamais pediu aos seus discípulos para irem até Israel!!!) TJ 10:7 Ide, e pregai, e dizei: As leis da natureza são as leis da Criação, e o poder do espírito Criacional dentro dos seres humanos personifica a vida. Mat. 10:7 e indo, pregai, dizendo: É chegado o reino dos céus. TJ 10:8 Curai os doentes, ressuscitai os mortos, limpai os leprosos, expulsai os maus espíritos. Porque recebestes sem ter que pagar, dai portanto, sem compensação. Mat. 10:8 Curai os enfermos, ressuscitai os mortos, limpai os leprosos, expulsai os demônios; de graça recebestes, de graça dai. TJ 10:9 Não deveis ajuntar ouro, prata ou cobre em vossos cintos. Mat. 10:9 Não vos provereis de ouro, nem de prata, nem de cobre, em vossos cintos; TJ 10:10 Também, em vossas viagens não deveis carregar grandes alforjes convosco onde carregar alimento, água, e vestimenta. Mat. 10:10 nem de alforje para o caminho, nem de duas túnicas, nem de alparcas, nem de bordão; porque digno é o trabalhador do seu alimento. TJ 10:11 Segui o vosso caminho apenas com o essencial para comer e dormir, para que possais manter o vosso asseio, e para uma muda de roupa. TJ 10:12 Jamais carregueis muito convosco, porque ireis apenas sobrecarregar-vos e vos tornareis vitimas dos salteadores nas estradas. TJ 10:13 Além disso, lembrai-vos, todo trabalho é digno de sua recompensa e não passareis necessidades se vós diligentemente pregais e ensinais o verdadeiro conhecimento. TJ 10:14 Quando irdes para uma cidade ou vila, perguntai se há ali alguém digno; e ficai com ele até vós partirdes. Mat. 10:11 Em qualquer cidade ou aldeia em que entrardes, procurai saber quem nela é digno, e hospedai-vos aí até que vos retireis. TJ 10:15 E quando entrardes em uma casa, saudai-a. Mat. 10:12 E, ao entrardes na casa, saudai-a; TJ 10:16 Se a casa for digna, vossa paz passará aos ocupantes. Mas se esta não for digna, a vossa paz retornará para vós. Mat. 10:13 se a casa for digna, desça sobre ela a vossa paz; mas, se não for digna, torne para vós a vossa paz. TJ 10:17 E se alguém não vos acolher e não ouvir as vossas palavras, deixai aquela casa ou aquela cidade e sacudi a poeira de vossos pés. Mat. 10:14 E, se ninguém vos receber, nem ouvir as vossas palavras, saindo daquela casa ou daquela cidade, sacudi o pó dos vossos pés. TJ 10:18 Em verdade, eu vos digo, não fiqueis em tais lugares, porque são a morada dos ignorantes e do mal; as pessoas dali não irão reconhecer as palavras da verdade e do conhecimento. Mat. 10:15 Em verdade vos digo que, no dia do juízo, haverá menos rigor para a terra de Sodoma e Gomorra do que para aquela cidade. TJ 10:19 Fujais destes lugares, pois seus habitantes são desleais para a Criação e as leis da natureza; as pessoas aí adoram templos, falsos deuses e ídolos, mas não a Criação, e nem seguem as suas leis. TJ 10:20 Fujais destes lugares, porque as pessoas dali tentarão tirar as vossas vidas, pois eles não querem abandonar os seus falsos ensinamentos. TJ 10:21 Fujais destas pessoas injustas, porque não deveis perder as vossas vidas pelo bem da verdade e do conhecimento. Nenhuma lei requer isto de vós, e nem há nenhuma lei que endosse tal negligência. TJ 10:22 Em verdade, eu vos digo, muitos, contudo, irão perecer e derramarão seu sangue na areia, porque mais tarde meus ensinamentos se transformarão em falsos ensinamentos, que eu nunca preguei, e que se originam das mentes dos escribas e dos sacerdotes. TJ 10:23 Por isso eles terão o povo sob o seu controle através da crença em seus falsos ensinamentos, de modo a roubar-lhes os seus bens e pertences. TJ 10:24 Por todo o mundo haverá choro e ranger de dentes quando o sangue jorrar daqueles que transformaram os meus ensinamentos de sabedoria e conhecimento em falsos ensinamentos através 34

35 da sedução maléfica, daqueles que crêem e advogam estes falsos ensinamentos ensinamentos que certamente não são meus. TJ 10:25 Muitos destes falsos crentes perderão as suas vidas, incluindo muitos israelitas, que nunca encontrarão a sua paz até o fim do mundo, porque são ignorantes e sem sapiência e negam o poder do espírito, do amor, e do conhecimento. TJ 10:26 Em verdade eu vos digo, os povos de Israel nunca foram um povo distinto, e eles sempre viveram por meio do assassinato, do roubo, e do fogo. Eles obtiveram a posse destas terras através da fraude e do assassinato em guerras repreensivas e predatórias, onde o melhor dos amigos foram massacrados como animais selvagens. TJ 10:27 Que o povo de Israel seja amaldiçoado até o fim do mundo, e que nunca encontrem a paz. TJ 10:28 Vede! Tal como cordeiros dentre o lobos, eu vos envio dentre os ignorantes e os idólatras. Por isso, sejais espertos como as serpentes e inocentes como as pombas. Mat. 10:16 Eis que vos envio como ovelhas ao meio de lobos; portanto, sede prudentes como as serpentes e simples como as pombas. TJ 10:29 Mas acautelai-vos com o povo, porque ele vos entregará às cortes e vos açoitará nas suas sinagogas. Mat. 10:17 Acautelai-vos dos homens; porque eles vos entregarão aos sinédrios, e vos açoitarão nas suas sinagogas; TJ 10:30 E, sereis levados diante de soberanos e reis por causa dos meus ensinamentos, como testemunho à eles e para todos os povos ignorantes. Mat. 10:18 e por minha causa sereis levados à presença dos governadores e dos reis, para lhes servir de testemunho, a eles e aos gentios. TJ 10:31 Se não puderdes fugir e eles vos entregarem às cortes, não vos preocupeis; o poder do vosso espírito não vos deixará, e vosso conhecimento irá dizer-vos o que devereis dizer. Mat. 10:19 Mas, quando vos entregarem, não cuideis de como, ou o que haveis de falar; porque naquela hora vos será dado o que haveis de dizer. TJ 10:32 Não sereis vós quem falareis, mas o poder de vosso espírito com o seu conhecimento. Mat. 10:20 Porque não sois vós que falais, mas o Espírito de vosso Pai é que fala em vós. (O suposto Mateus inventou este texto falso!) TJ 10:33 E sereis odiados por causa dos meus ensinamentos, Mas aqueles que perseverarem até o fim serão grandes. Mat. 10:21 Um irmão entregará à morte a seu irmão, e um pai a seu filho; e filhos se levantarão contra os pais e os matarão. Mat. 10: 22 E sereis odiados de todos por causa do meu nome, mas aquele que perseverar até o fim, esse será salvo. TJ 10:34 Quando vos perseguirem em uma cidade, fujais portanto, para outra. Mat. 10:23 Quando, porém, vos perseguirem numa cidade, fugi para outra; porque em verdade vos digo que não acabareis de percorrer as cidades de Israel antes que venha o Filho do homem. (Texto inventado pelo suposto personagem Mateus) TJ 10:35 Não vos envolvais em problemas com as cidades de Israel, pois em verdade eu vos digo, não chegareis a lugar algum com os povos de Israel até o fim do mundo. TJ 10:36 O discípulo jamais está acima do mestre, e nem o criado acima de seu senhor. Mat. 10:24 Não é o discípulo mais do que o seu mestre, nem o servo mais do que o seu senhor. TJ 10:37 Já é o bastante para o discípulo ser como o seu mestre e o criado como o seu senhor. TJ 10:38 Se eles chamam ao pai de família de Belzebu, o quanto mais irão eles caluniarem os seus domésticos? Mat. 10:25 Basta ao discípulo ser como seu mestre, e ao servo como seu senhor. Se chamaram Belzebu ao dono da casa, quanto mais aos seus domésticos? TJ 10:39 Por isso, tendes cuidado com Israel, pois este é como uma pústula em ebulição. TJ 10:40 Portanto, não os temais, porque nada existe que esteja oculto que não será revelado e nenhum segredo há que não será conhecido. Mat. 10:26 Portanto, não os temais; porque nada há encoberto que não haja de ser descoberto, nem oculto que não haja de ser conhecido. 35

36 TJ 10:41 O que vos digo na escuridão, dizei-o ás claras, e o que é cochichado em vosso ouvido, proclamai-o do alto dos telhados. Mat. 10:27 O que vos digo às escuras, dizei-o às claras; e o que escutais ao ouvido, dos eirados pregai-o. TJ 10:42 Não temais a calúnia maligna, nem temais aqueles que vos tirais a vida e o membro. Mat. 10:28 E não temais os que matam o corpo, e não podem matar a alma; temei antes aquele que pode fazer perecer no inferno tanto a alma como o corpo. (O suposto Mateus falsificador!) Mat. 10:29 Não se vendem dois passarinhos por um asse? e nenhum deles cairá em terra sem a vontade de vosso Pai. (de onde Mateus tirou este texto???? não existe isso no Talmud de Jmmanuel, verso inventado!!! está totalmente fora de contexto!!! Falsificador da verdade!) Mat. 10:30 E até mesmo os cabelos da vossa cabeça estão todos contados. (De onde Mateus tirou este texto???? não existe isso no Talmud de Jmmanuel, verso inventado!!! está totalmente fora de contexto!!! Falsificador da verdade!!) Mat. 10:31 Não temais, pois; mais valeis vós do que muitos passarinhos. (Não existe isso no Talmud de Jmmanuel, verso inventado!!! está totalmente fora de contexto!) Mat. 10:32 Portanto, todo aquele que me confessar diante dos homens, também eu Mat. 10:o confessarei diante de meu Pai, que está nos céus. (Não existe isso no Talmud de Jmmanuel, verso inventado!!! está totalmente fora de contexto!) Mat. 10:33 Mas qualquer que me negar diante dos homens, também eu o negarei diante de meu Pai, que está nos céus. (De onde Mateus tirou este texto???? não existe isso no Talmud de Jmmanuel, verso inventado!!! está totalmente fora de contexto!!) TJ 10:43 Não penseis que vim trazer a paz sobre a Terra. Mat. 10:34 Não penseis que vim trazer paz à terra; não vim trazer paz, mas espada. TJ 10:44 Em verdade, eu não vim trazer a paz, mas a espada do conhecimento sobre o poder do espírito, que habita dentro do ser humano. TJ 10:45 Pois eu vim trazer a sabedoria e o conhecimento e provocar a humanidade: o filho contra o seu pai, a filha contra a sua mãe, a nora contra a sua sogra, o criado contra o seu senhor, o cidadão contra o seu governo, e o crente contra o seu pregador. Mat. 10:35 Porque eu vim pôr em dissensão o homem contra seu pai, a filha contra sua mãe, e a nora contra sua sogra; TJ 10:46 Os inimigos das pessoas serão as suas próprias famílias. Mat. 10:36 e assim os inimigos do homem serão os da sua própria casa. TJ 10:47 O caminho da verdade é longo e a sabedoria do conhecimento irá penetrar vagarosamente. TODOS OS TEXTOS DO SUPOSTO AUTOR MATEUS ABAIXO SÃO FALSOS! Mat. 10:37 Quem ama o pai ou a mãe mais do que a mim não é digno de mim; e quem ama o filho ou a filha mais do que a mim não é digno de mim (De onde Mateus tirou este texto???? não existe isso no Talmud de Jmmanuel, verso inventado! Induz as pessoas a abandonar e repudiar os próprios pais!) Mat. 10:38 E quem não toma a sua cruz, e não segue após mim, não é digno de mim. (Verso inventado!!!) Mat. 10:39 Quem achar a sua vida perdê-la-á, e quem perder a sua vida por amor de mim achá-la-á. (Verso inventado!!!) Mat. 10:40 Quem vos recebe, a mim me recebe; e quem me recebe a mim, recebe aquele que me enviou. (Verso inventado!!!) Mat. 10:41 Quem recebe um profeta na qualidade de profeta, receberá a recompensa de profeta; e quem recebe um justo na qualidade de justo, receberá a recompensa de justo. (De onde Mateus tirou este texto???? não existe isso no Talmud de Jmmanuel, verso inventado!!! O suposto autor/redator Mateus falsificou a verdade!!) Mat. 10:42 E aquele que der até mesmo um copo de água fresca a um destes pequeninos, na qualidade de discípulo, em verdade vos digo que de modo algum perderá a sua recompensa. (Verso inventado!) TJ 10:48 Se seguirão eras de trevas, séculos e milênios, antes que a verdade do espírito penetre nas pessoas. 36

37 TJ 10:49 Os injustos e os ignorantes, incluindo os escribas, os sacerdotes e as autoridades, odiarão aqueles que possuem conhecimento e irão, portanto, perseguir-vos e semearão a inimizade. Capítulo 11 A Pergunta do Batista TJ 11:1 E aconteceu que após Jmmanuel ter acabado de dar tais mandamentos aos seus doze discípulos, ele seguiu adiante a partir dali, ensinando e pregando nas cidades deles. Mat. 11:1 Tendo acabado Jesus de dar instruções aos seus doze discípulos, partiu dali a ensinar e a pregar nas cidades da região. TJ 11:2 Quando João, na prisão, ouviu a respeito das obras de Jmmanuel, ele enviou seus discípulos até ele e eles disseram: Mat. 11:2 Ora, quando João no cárcere ouviu falar das obras do Cristo, mandou pelos seus discípulos perguntar-lhe: (Texto alterado, foi editado pelo suposto Mateus) TJ 11:3 És tu aquele que haveria de vir, o rei da sabedoria predito pelos profetas, ou devemos aguardar por um outro? Mat. 11:3 És tu aquele que havia de vir, ou havemos de esperar outro? TJ 11:4 Jmmanuel respondeu e disse-lhes : Retornai e relatai à João o que vistes e ouvistes: Mat. 11:4 Respondeu-lhes Jesus: Ide contar a João as coisas que ouvis e vedes: TJ 11:5 O cego enxerga, os coxos andam, os leprosos são limpos, os surdos ouvem, os mortos ressuscitam, e a verdade do conhecimento é proclamada para aqueles que a buscam. Mat.11:5 os cegos vêem, e os coxos andam; os leprosos são purificados, e os surdos ouvem; os mortos são ressuscitados, e aos pobres é anunciado o evangelho. (Mentiras dp suposto autor Mateus!!! Escriba. Falsificador da Verdade!) TJ 11:6 E bem-aventurados aqueles que não se ofendem por causa dos meus ensinamentos. Mat. 11:6 E bem-aventurado é aquele que não se escandalizar de mim. Testemunho sobre o Batista TJ 11:7 Enquanto eles partiam, Jmmanuel começou a falar para o povo a respeito de João: O que fostes ver no deserto? Mat. 11:7 Ao partirem eles, começou Jesus a dizer às multidões a respeito de João: que saístes a ver no deserto? um caniço agitado pelo vento? TJ 11:8 Esperáveis ver o junco balançando para lá e para cá com o vento? TJ 11:9 Ou, o saístes para o deserto para ver o que? Mat. 11:8 Mas que saístes a ver? um homem trajado de vestes luxuosas? Eis que aqueles que trajam vestes luxuosas estão nas casas dos reis. TJ 11:10 Esperáveis ver um homem trajando vestidos delicados? TJ 11:11 Vede! Aqueles que vestem trajes delicados estão nas casas dos reis com os regentes e com os ricos, e com os hipócritas, escribas, e sacerdotes. TJ 11:12 Ou por que saístes? Mat. 11:9 Mas por que saístes? para ver um profeta? Sim, vos digo, e muito mais do que profeta. TJ 11:13 Esperáveis ver um profeta? TJ 11:14 Sim, eu vos digo, ele é mais que um profeta. TJ 11:15 É este aquele do qual está escrito: Vede! Eu enviei o meu mensageiro diante de vós, o qual deverá preparar o caminho diante de vós. Mat. 11:10 Este é aquele de quem está escrito: Eis aí envio eu ante a tua face o meu mensageiro, que há de preparar adiante de ti o teu caminho. TJ 11:16 Em verdade, eu vos digo, dentre todos aqueles nascidos de mulher, não surgiu ninguém que seja maior que João Batista. Mat. 11:11 Em verdade vos digo que, entre os nascidos de mulher, não surgiu outro maior do que João, o Batista; mas aquele que é o menor no reino dos céus é maior do que ele. 37

38 TJ 11:17 Mas agora, nos dias de João, o Batista, a Terra sofre de violência, e aqueles que cometem violência estão devastando-a. Mat. 11:12 E desde os dias de João, o Batista, até agora, o reino dos céus é tomado a força, e os violentos o tomam de assalto. TJ 11:18 Pois todos os profetas e a lei previram até os tempos de João. Mat. 11:13 Pois todos os profetas e a lei profetizaram até João. TJ 11:19 E se quereis aceitar, ele é Eliseu, que era para voltar novamente em sua próxima vida. Mat. 11:14 E, se quereis dar crédito, é este o Elias que havia de vir. TJ 11:20 Que ouçam aqueles que tenham ouvidos! Mat. 11:15 Quem tem ouvidos, ouça. TJ 11:21 Mas a quem eu devo comparar esta geração? TJ 11:22 É tal qual as crianças que se sentam nos mercados e chamam os seus colegas de brincadeiras, dizendo: Mat. 11:16 Mas, a quem compararei esta geração? É semelhante aos meninos que, sentados nas praças, clamam aos seus companheiros: TJ 11:23 Tocamos uma nota para vós, e vós não dançastes; lamentamos diante de vós e vós não chorastes. Mat. 11:17 Tocamo-vos flauta, e não dançastes; cantamos lamentações, e não pranteastes. TJ 11:24 João, que é Eliseu, não veio nem comendo e nem bebendo, e então eles dizem: Ele está possuído. Mat. 11:18 Porquanto veio João, não comendo nem bebendo, e dizem: Tem demônio. TJ 11:25 Mas eu vim, comendo e bebendo, e eles dizem: Vede! Que glutão e bebedor de vinho é este homem, um companheiro dos coletores de impostos e dos injustos. Mat. 11:19 Veio o Filho do homem, comendo e bebendo, e dizem: Eis aí um comilão e bebedor de vinho, amigo de publicanos e pecadores. Entretanto a sabedoria é justificada pelas suas obras. (O suposto Mateus falsificou a verdade da passagem!) TJ 11:26 Ainda assim a sabedoria se justifica através das obras reconhecidas. Em Glória do Espírito e do Conhecimento TJ 11:27 Mas nesta época, Jmmanuel começou a falar, Glória seja à Criação, que fez os céus, os Universos, e a Terra, por manter o conhecimento e o poder do espírito ocultos dos insensatos, dos desencaminhados, que espalham os falsos ensinamentos, e por revelar este conhecimento agora aos buscadores sinceros. Mat. 11:20 Então começou ele a lançar em rosto às cidades onde se operara a maior parte dos seus milagres, o não se haverem arrependido, dizendo: (TEXTO FALSO INVENTADO PELO SUPOSTO MATEUS!!!) Mat. 11:21 Ai de ti, Corazin! ai de ti, Betsaida! porque, se em Tiro e em Sidom, se tivessem operado os milagres que em vós se operaram, há muito elas se teriam arrependido em cilício e em cinza. (TEXTO FALSO!) Mat. 11:22 Contudo, eu vos digo que para Tiro e Sidom haverá menos rigor, no dia do juízo, do que para vós (TEXTO FALSO!). Mat. 11:23 E tu, Cafarnaum, porventura serás elevada até o céu? até o inferno descerás; porque, se em Sodoma se tivessem operado os milagres que em ti se operaram, teria ela permanecido até hoje. (TEXTO FALSO!) Mat. 11:24 Contudo, eu vos digo que no dia do juízo haverá menos rigor para a terra de Sodoma do que para ti (TEXTO FALSO!) Mat. 11:25 Naquele tempo falou Jesus, dizendo: Graças te dou, ó Pai, Senhor do céu e da terra, porque ocultaste estas coisas aos sábios e entendidos, e as revelaste aos pequeninos. (TEXTO FALSO, INVENTADO!) Mat. 11:26 Sim, ó Pai, porque assim foi do teu agrado. (TEXTO FALSO, INVENTADO!) Mat. 11:27 Todas as coisas me foram entregues por meu Pai; e ninguém conhece plenamente o Filho, senão o Pai; e ninguém conhece plenamente o Pai, senão o Filho, e aquele a quem o Filho o quiser revelar. (TEXTO FALSO, INVENTADO!) 38

39 Mat. 11:28 Vinde a mim, todos os que estai cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. (TEXTO FALSO, INVENTADO!) Mat. 11:29 Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para as vossas almas. (TEXTO FALSO, INVENTADO!) TJ 11:28 E ainda, fez muito bem a Criação, bem como deus e seus filhos celestiais, por terem impedido até agora o mau uso do poder entre os humanos da Terra. TJ 11:29 Todas as coisas agora foram dadas à humanidade, e ninguém conhece o segredo da Criação, nem mesmo uma só pessoa, e portanto nem deus, e nem os seus seguidores. TJ 11:30 E todas as coisas foram dadas à mim por deus, cujos anjos guardiões me ensinaram as leis e o conhecimento da natureza e das leis que emanam da Criação. TJ 11:31 Então venham à mim, todos de vós que buscais e tenhais sede por conhecimento e pela verdade; Eu irei vos refrescar. TJ 11:32 Tomai sobre vós o jugo de terdes que aprender os novos ensinamentos, pois eles oferecem iluminação; neles vós encontrareis a paz para as vossas vidas, TJ 11:33 Pois o jugo do desenvolvimento espiritual é suave, e seu fardo é leve. Mat. 11:30 Porque o meu jugo é suave, e o meu fardo e leve. Capítulo 12 A respeito do Casamento e da Coabitação TJ 12:1 E aconteceu que Jmmanuel começou a falar das leis do casamento, e tópicos relacionados, e ele disse: TJ 12:2 A vós foi dado o mandamento: Não cometereis adultério TJ 12:3 Apesar disso, as pessoas cometem adultério e fornicação, violando assim as leis da natureza. TJ 12:4 Está escrito, contudo: Qualquer um que comete adultério e fornicação deve ser punido, porque aquele que falha não é digno da vida e de suas leis; então deve ser castrado ou esterilizado. TJ 12:5 Se o homem ou a mulher solteiros se deitam um com outro em desgraça e sem amar um ao outro, eles também devem ser punidos, pois os que assim falham não são dignos da vida e suas leis; assim devem ser castrados ou esterilizados. TJ 12:6 E, se dois homens se deitam um com o outro, então eles devem ser punidos, pois os que assim falham não são dignos da vida e suas leis e se comportam hereticamente; assim devem ser também castrados, expulsos, e banidos diante das pessoas. TJ 12:7 Se contudo, duas mulheres se deitam uma com a outra, elas não devem ser punidas, porque elas não violam a vida e as suas leis, já que não são inseminadoras, mas geradoras. TJ 12:8 Quando inseminador e inseminador se juntam, a vida é desconsagrada e destruída. Mas se concebedora e concebedora se juntam, não há desconsagração nem destruição, e nem procriação. TJ 12:9 Em verdade, eu vos digo, não há animais abaixo dos céus que se comportem como a humanidade e violam as leis da Criação e da natureza. Não sois vós muito mais do que os animais? TJ 12:10 Não se encontra nenhum animal sob os céus o qual coabita com outro macho, mas as fêmeas são encontradas juntas com fêmeas, porque animais macho e fêmea seguem as leis da natureza. TJ 12:11 Qualquer um que se entregue em fornicação por causa de pagamento ou prazer deve ser castrado ou esterilizado, expulso e banido diante das pessoas. TJ 12:12 Qualquer um que abusar sexualmente de uma criança é indigno da vida e suas leis e deve portanto ser punido pela castração ou esterilização, e ser privado da liberdade através de confinamento e isolação por toda a vida. TJ 12:13 Qualquer um que se entregue em incesto é indigno da vida e suas leis, e deve, portanto, ser punido pela castração ou esterilização, e ser privado da liberdade através do confinamento e isolamento por toda a vida. TJ 12:14 Qualquer um que tenha relações sexuais com um animal é indigno da vida e suas leis e deve ser castrado ou esterilizado, e ser expulso e banido diante das pessoas. 39

40 TJ 12:15 Qualquer um que se case com um homem ou uma mulher divorciados é culpado e deve ser castrado ou esterilizado, porque ele ou ela são indignos da vida e as suas leis. Ambos devem ser expulsos e banidos diante das pessoas. TJ 12:16 Aquele que gera uma criança sem estar casado com a mulher e a deixa solteira é indigno da vida e suas leis e deve, portanto, ser punido pela castração e perder a sua liberdade. TJ 12:17 Qualquer um que estrupar uma mulher ou um homem é indigno da vida e as suas leis, e deve, portanto, ser punido com a castração ou esterilização, e ser privado da liberdade através do confinamento e do isolamento. TJ 12:18 Qualquer um que cometa violência contra o corpo de outra pessoa, a vida ou saúde mental, é indigno da vida e suas leis, e deve, portanto, ser punido com a perda da liberdade através do confinamento e do isolamento por toda a vida. TJ 12:19 Em verdade, em verdade eu vos digo, estas leis são razoáveis e foram estabelecidas pela natureza, e elas devem ser obedecidas, ou os humanos irão trazer a morte para si mesmos em grandes massas. TJ 12:20 Esta Terra pode nutrir e suportar quinhentos milhões de pessoas de todas as populações humanas. Mas se estas leis não forem seguidas, em duas vezes mil anos haverá dez vezes quinhentos milhões de pessoas, e a Terra não mais será capaz de suportá-las. TJ 12:21 Fomes, catástrofes, guerras por todo o mundo, e epidemias, regerão a Terra; os humanos da Terra matarão uns aos outros, e poucos sobreviverão. TJ 12:22 Em verdade, eu vos digo, haverá choro e ranger de dentes quando tanto sangue humano encharcar as areias da Terra que novas formas de vida surgirão daí, trazendo o horror final para a humanidade. TJ 12:23 Mas neste dia, foi permitido a vós receber todas as boas coisas, e foram vos dadas as leis sob as quais deveis viver. TJ 12:24 E vós deveis aderir-vos às leis adicionais, de modo que tereis prosperidade na Terra e paz dentre vossas famílias. TJ 12:25 Livrai-vos de impor a antiga lei que sujeita a mulher ao homem, já que ela é uma pessoa como o homem, com direitos e obrigações iguais. TJ 12:26 Mas quando um homem casa-se com uma mulher, ele deve pagar ao administrador fiel depositário de suas posses um preço como seguro, para que então ela não sofra pela falta de necessidades. TJ 12:27 O preço deverá ser calculado por meio do qual cem peças de prata serão necessárias para cada ano da idade da mulher, se sua saúde não lhe falta. Assim, ela será medida conforme os seus conhecimentos, habilidades e vigor. TJ 12:28 O preço não deverá ser considerado como o de uma compra, mas como um seguro para a mulher, assim ela não sofrerá de necessidades. TJ 12:29 Os laços de matrimônio entre homem e mulher devem ser permitidos somente se ambos são mentalmente competentes e capazes de conduzir um casamento de acordo com as leis. TJ 12:30 Um acordo de casamento entre homem e mulher deverá ser concluído somente quando o preço para a mulher for pago. TJ 12:31 Se, conforme o acordo pré-arranjado, nenhum preço for pago, aplica-se a lei que o homem deve prover de todas as necessidades da esposa. TJ 12:32 A infertilidade de uma esposa não é causa para o divórcio, nem de qualquer julgamento ou ação. TJ 12:33 As únicas razões para o divórcio, sem ser o adultério, são a destruição ou pôr em perigo a consciência material, o corpo ou a vida de um membro da própria família. TJ 12:34 Uma pessoa que é culpada por um divórcio deverá ser castrada ou esterilizada, expulsa e banida diante das pessoas, porque ele ou ela é indigno da vida e suas leis. TJ 12:35 Se tudo for feito e seguido desta maneira, justiça e paz advirão para toda a humanidade e a vida será preservada. 40

41 41 Capítulo 13 Jmmanuel e o Sabá TJ 13:1 Naquele tempo Jmmanuel caminhava por um campo de cereais durante o Sabá: e os seus discípulos, estando com fome, começaram a arrancar espigas de grãos e comê-los. Mat. 12:1 Naquele tempo passou Jesus pelas searas num dia de sábado; e os seus discípulos, sentindo fome, começaram a colher espigas, e a comer. TJ 13:2 Quando os Fariseus viram isso, eles lhe falaram: Vês! Os teus discípulos estão fazendo o que não é permitido no Sabá. Mat. 12:2 Os fariseus, vendo isso, disseram-lhe: Eis que os teus discípulos estão fazendo o que não é lícito fazer no sábado. TJ 13:3 Mas ele lhes falou: Não lestes o que Davi fez quando ele e aqueles com ele fizeram quando estavam com fome? Mat. 12:3 Ele, porém, lhes disse: Acaso não lestes o que fez Davi, quando teve fome, ele e seus companheiros? TJ 13:4 Como ele entrou no templo e comeu o pão da proposição, o qual não lhe era permitido comer e nem aqueles com ele, mas apenas os sacerdotes? Mat. 12:4 Como entrou na casa de Deus, e como eles comeram os pães da proposição, que não lhe era lícito comer, nem a seus companheiros, mas somente aos sacerdotes? TJ 13:5 Ou não tendes lido na lei, como no Sabá os sacerdotes no templo violam o Sabá e ainda assim ficam isentos de culpa? Mat. 12:5 Ou não lestes na lei que, aos sábados, os sacerdotes no templo violam o sábado, e ficam sem culpa? Ou não lestes na lei que, aos sábados, os sacerdotes no templo violam o sábado, e ficam sem culpa? TJ 13:6 Em verdade, eu vos digo, raça de cobras e víboras, uma pedra se transformará em pão antes que nenhum trabalho possa ser feito no Sabá. Mat. 12:6 Digo-vos, porém, que aqui está o que é maior do que o templo. (TEXTO FALSO, INVENTADO!) TJ 13:7 Pois a lei que o Sabá deve ser mantido sagrado é somente uma lei feita pelo homem, sem lógica, assim como são muitas leis feitas pelo homem, que contradizem as leis da Criação. Mat. 12:7 Mas, se vós soubésseis o que significa: Misericórdia quero, e não sacrifícios, não condenaríeis os inocentes. (TEXTO FALSO, INVENTADO!) Mat. 12:8 Porque o Filho do homem até do sábado é o Senhor. (TEXTO FALSO, INVENTADO!) TJ 13:8 Falsos profetas e distorcedores das escrituras são os culpados responsáveis por essas falsas leis que contradizem as leis da Criação e da natureza. TJ 13:9 Portanto, é uma lei humana que o Sabá seja mantido sagrado e que nenhum trabalho seja feito neste dia, emanada da mente humana. TJ 13:10 Em verdade, eu vos digo, nenhum Sabá é sagrado e nenhuma lei da Criação dita que nenhum trabalho possa ser feito no Sabá. TJ 13:11 Portanto, o Sabá é um dia como qualquer outro dia no qual o dia de trabalho pode ser feito. TJ 13:12 Os humanos são criaturas com vontades próprias; portanto, só eles são os senhores sobre o Sabá, como foi previamente escrito naquelas antigas escrituras e leis que não foram adulteradas pelos falsos profetas, distorcedores das escrituras, e Fariseus. TJ 13:13 E ele partiu dali e entrou na sinagoga deles, onde ele continuou a ensinar as pessoas. Mat. 12:9 Partindo dali, entrou Jesus na sinagoga deles. TJ 13:14 Vede! Havia um homem com a mão seca, e eles lhe perguntaram: É também lícito curar no Sabá? De maneira que eles tivessem mais causa contra ele. Mat. 12:10 E eis que estava ali um homem que tinha uma das mãos atrofiadas; e eles, para poderem acusar a Jesus, o interrogaram, dizendo: É lícito curar nos sábados? TJ 13:15 Mas ele falou-lhes: Hipócritas! Se tivésseis olhos, ouvidos e mentes então poderíeis ver, ouvir e entender; mas sois cegos e irracionais porque vos faltais conhecimento para ver, ouvir e

42 entender a natureza. Portanto, vos faltais a percepção das leis da Criação que vos habilitaria a ver, ouvir e entender que a Criação não santifica o Sabá. TJ 13:16 A cada dia do Sabá, portanto, a Criação faz com que as estrelas girem pelos céus, rege o sol, os ventos e chuvas, e nutre todas as criaturas da Terra. TJ 13:17 Mantém fluindo os rios em seus leitos, e tudo segue o seu caminho normal, seja num Sabá ou no outro, assim como os fez a Criação. TJ 13:18 Mas não são os humanos muitos mais do que todas as criaturas e plantas? Portanto, eles são os senhores de todos eles quando seguem as verdadeiras leis. TJ 13:19 Raça de cobras e víboras! Vós, distorcedores das escrituras que, por causa da vossa ganância pelo dinheiro e pelo poder divulgais falsos ensinamentos; se tivésseis um só carneiro que caísse numa cova no dia do Sabá, quem dentre vós não o pegaríeis e o puxaríeis para fora? Mat. 12:11 E ele lhes disse: Qual dentre vós será o homem que, tendo uma só ovelha, se num sábado ela cair numa cova, não há de lançar mão dela, e tirá-la? TJ 13:20 Quanto uma pessoa é mais valiosa que um carneiro ou vossos enganosos e falsos ensinamentos! Mat. 12:12 Ora, quanto mais vale um homem do que uma ovelha! Portanto, é lícito fazer bem nos sábados. TJ 13:21 Então, ele falou para o homem: Estendas a tua mão! TJ 13:22 E ele estendeu-a; e ela tornou-se sã novamente, assim como a outra mão. Mat. 12:13 Então disse àquele homem: estende a tua mão. E ele a estendeu, e lhe foi restituída sã como a outra. TJ 13:23 Então, os Fariseus saíram, e formaram conselho a seu respeito, sobre como eles poderiam destruí-lo, já que ele havia feito conhecer as suas mentiras e falsos ensinamentos diante do povo. Mat. 12:14 Os fariseus, porém, saindo dali, tomaram conselho contra ele, para o matarem. TJ 13:24 Quando Jmmanuel soube disso, ele se retirou dali, e muitas pessoas o seguiram, incluindo muitas pessoas doentes; e ele curou todas elas. Mat. 12:15 Jesus, percebendo isso, retirou-se dali. Acompanharam-no muitos; e ele curou a todos, TJ 13:25 Contudo, eles as avisou para que não divulgassem notícias sobre ele, porque ele temia que seria capturado e morto por meio da tortura. Mat. 12:16 e advertiu-lhes que não o dessem a conhecer; TJ 13:26 Mas a sua dedicação à verdade prevaleceu, e ele continuou a revelar seus ensinamentos e sabedoria para as pessoas. TODOS OS TEXTOS DO SUPOSTO AUTOR MATEUS CITADOS ABAIXO SÃO FALSOS! Mat. 12:17 para que se cumprisse o que foi dito pelo profeta Isaías: (TEXTO FALSO, INVENTADO!) Mat. 12:18 Eis aqui o meu servo que escolhi, o meu amado em quem a minha alma se compraz; porei sobre ele o meu espírito, e ele anunciará aos gentios o juízo. (TEXTO FALSO, INVENTADO!) Mat. 12:19 Não contenderá, nem clamará, nem se ouvirá pelas ruas a sua voz. (TEXTO FALSO, INVENTADO!) Mat. 12:20 Não esmagará a cana quebrada, e não apagará o morrão que fumega, até que faça triunfar o juízo; (TEXTO FALSO, INVENTADO!) Mat. 12:21 e no seu nome os gentios esperarão. (TEXTO FALSO, INVENTADO! TODOS SÃO SEM SENTIDO E FORA DO VERDADEIRO CONTEXTO DO TALMUD DE JMMANUEL) Capítulo 14 O Mau Procedimento de Judas Iscariotes TJ 14:1 E aconteceu que Jmmanuel e os seus discípulos foram para Belém, onde ele ensinou e instruiu as pessoas. TJ 14:2 Contudo, Judas Iscariotes havia se tornado desleal aos ensinamentos de Jmmanuel e vivia apenas para a sua própria gratificação 42

43 TJ 14:3 Secretamente, ele coletava nas audiências de Jmmanuel, acumulando ouro, prata, e cobre em seu saco de dinheiro, para que pudesse viver vaidosamente. TJ 14:4 E aconteceu que Judá Ihariotes, o filho de Simão, o Fariseu, informara à Jmmanuel do mau procedimento de Judas Iscariotes já que esperava ser pago por isso. TJ 14:5 Mas Jmmanuel o agradeceu, e não pagou-lhe com nenhum presente que seja, assim Judá Ihariotes pensou em vingança, pois ele era ganancioso por ouro, prata e mercadorias. TJ 14:6 Mas Judas Iscariotes foi levado para o deserto por Jmmanuel onde, por três dias e noites, ele lhe ensinou os conceitos do certo e do errado, de onde o discípulo arrependeu-se e daí seguiu os ensinamentos de Jmmanuel. TJ 14:7 Quando ele retornou para a cidade, ele distribuiu suas posses e coletas entre os pobres e tornou-se um fiel discípulo de Jmmanuel. TJ 14:8 Contudo, na mesma época, transpirou-se que os escritos, nos quais Judas Iscariotes havia relatado sobre os ensinamentos de Jmmanuel, foram roubados dele. Então ele contou à Jmmanuel a respeito. TJ 14:9 Mas ele falou: Em verdade, em verdade, eu te digo Judas Iscariotes, terás que sofrer males ainda maiores do que a mera perda de teus escritos a respeito de meus ensinamentos e minha vida. TJ 14:10 Por mais de dois mil anos serás erroneamente acusado de me traíres, porque assim deseja Simão o Fariseu. TJ 14:11 Mas o seu filho, Judá Ihariotes, é o verdadeiro culpado; assim como o seu pai, Simão Ihariotes, ele é o Fariseu que busca por minha vida. TJ 14:12 Foi ele quem roubou os teus escritos e os entregou aos escribas e Fariseus, para que então pudessem me julgar e me condenar a morte. TJ 14:13 Ele recebeu setenta peças de prata por teus escritos e receberá outras trinta quando ele tornar possível me entregar aos executores. TJ 14:14 Em verdade, eu te digo, ele certamente será bem sucedido nisso, e por duas vezes mil anos tu terás que inocentemente pagar a penalidade por isso; conseqüentemente te tornarás um mártir. TJ 14:15 Mas escreves os meus ensinamentos e a história de minha vida numa outra hora, pois chegará o tempo, em duas vezes mil anos, quando os teus escritos serão revelados. TJ 14:16 Até então, os meus ensinamentos serão falsificados e se transformarão num culto maligno, que irá causar muito derramamento de sangue humano. TJ 14:17 Porque as pessoas ainda não estão preparadas para compreenderem os meus ensinamentos e reconhecerem a verdade. TJ 14:18 Não até duas vezes mil anos um homem simples virá e irá reconhecer os meus ensinamentos como verdadeiros e os disseminará com grande coragem. TJ 14:19 Ele será difamado pelos cultos religiosos estabelecidos e pelos defensores dos falsos ensinamentos a meu respeito e será considerado um mentiroso. TJ 14:20 Mas tu, Judas Iscariotes, serás até então inocentemente culpado como o meu traidor e assim condenado, como resultado da falsidade dos principais sacerdotes e pela ignorância do povo. TJ 14:21 Mas não prestes atenção a isso, pois o ensino da verdade requer sacrifícios que devem ser feitos. TJ 14:22 O povo ainda não é muito grande em seus espíritos, consciências e conhecimentos. Portanto, eles devem primeiro tomar sobre si mesmos muita culpa e erro antes de aprenderem com isso a acumular conhecimento e sabedoria, para que assim reconheça a verdade. TJ 14:23 Portanto, para que tudo isso suceda, e para que o conhecimento da verdade dê uma rica colheita dentro das pessoas, escreves os meus ensinamentos e a história de minha vida novamente. Deste modo, os meus ensinamentos estarão disponíveis para as gerações futuras e gerarão frutos para a verdade. TJ 14:24 Permaneces comigo de agora em diante, segues-me e fielmente executas a tua tarefa como escritor dos meus ensinamentos a saber, as leis da natureza, que são as leis originais da Criação. TJ 14:25 Nunca haverá desejo maior do que o desejo da Criação, que revela a si mesma através destas leis. TJ 14:26 Mas as leis da Criação tem sido válidas para ontem e hoje, e portanto, para o amanhã, o dia depois de amanhã, e para todas as épocas. 43

44 TJ 14:27 Então, as leis são uma determinação e, portanto, uma pré determinação para as coisas do futuro que deverão acontecer. Capítulo 15 O Significado das Parábolas TJ 15:1 Naquele mesmo dia, Jmmanuel saiu e caminhou em direção ao mar, onde se assentou. Mat. 13:1 No mesmo dia, tendo Jesus saído de casa, sentou-se à beira do mar; TJ 15:2 Muitas pessoas reuniram-se em volta dele, de modo que ele entrou em um barco e assentouse, e todas as pessoas permaneceram na praia. Mat. 13:2 e reuniram-se a ele grandes multidões, de modo que entrou num barco, e se sentou; e todo o povo estava em pé na praia. TJ 15:3 Ele falava para elas por parábolas a respeito de várias coisas, dizendo: Vede! Um semeador saiu para semear. Mat. 13:3 E falou-lhes muitas coisas por parábolas, dizendo: Eis que o semeador saiu a semear. TJ 15:4 E enquanto semeava, algumas sementes caíram pelo caminho, e vieram as aves e as comeram. Mat. 13:4 e quando semeava, uma parte da semente caiu à beira do caminho, e vieram as aves e comeram. TJ 15:5 E algumas caíram sobre as pedras, onde não havia muito solo: Mat. 13:5 E outra parte caiu em lugares pedregosos, onde não havia muita terra: e logo nasceu, porque não tinha terra profunda; TJ 15:6 E quando o sol se elevou bem alto elas murcharam, e porque não tinham raízes, secaram. Mat. 13:6 mas, saindo o sol, queimou-se e, por não ter raiz, secou-se. TJ 15:7 Algumas caíram entre os espinhos; e os espinhos cresceram e as sufocaram. Mat. 13:7 E outra caiu entre espinhos; e os espinhos cresceram e a sufocaram. TJ 15:8 Algumas caíram em boa terra, e deram frutos, algumas centenas de vezes, outras sessenta e outras trinta vezes. Mat. 13:8 Mas outra caiu em boa terra, e dava fruto, um a cem, outro a sessenta e outro a trinta por um. TJ 15:9 Aqueles que tenham ouvidos, que ouçam. Mat. 13:9 Quem tem ouvidos, ouça. TJ 15:10 E chegando-se à ele os discípulos, perguntaram-lhe: Por que lhes falas por parábolas, quando não podem eles compreender os teus ensinamentos? Mat. 13:10 E chegando-se a ele os discípulos, perguntaram-lhe: Por que lhes falas por parábolas? TJ 15:11 E ele lhes respondeu: Foi concedido a vós compreender os segredos do espírito, mas para eles, isto não foi lhes concedido. Mat. 13:11 Respondeu-lhes Jesus: Porque a vós é dado conhecer os mistérios do reino dos céus, mas a eles não lhes é dado; TJ 15:12 Eles certamente ouvem as minhas palavras, mas ainda vivem e pensam conforme os falsos ensinamentos dos escribas e Fariseus. Mat. 13:12 pois ao que tem, dar-se-lhe-á, e terá em abundância; mas ao que não tem, até aquilo que tem lhe será tirado. TJ 15:13 Suas consciências são alheias e vazias, portanto, devem primeiro aprender a viver e a pensar. TJ 15:14 O que melhor seria para fazê-los viver e pensar, se não falando-lhes através de parábolas! Mat. 13:13 Por isso lhes falo por parábolas; porque eles, vendo, não vêem; e ouvindo, não ouvem nem entendem. TJ 15:15 Em verdade, eu vos digo, a vida e o conhecimento da verdade são valiosos e bons somente quando alcançados pela resolução dos mistérios que são recontados em parábolas. TJ 15:16 Pois os humanos ainda possuem pouco conhecimento e nenhuma percepção, e não são ainda conscientes das leis da Criação e do poder. 44

45 TJ 15:17 Primeiro, os humanos devem aprender a reconhecer a verdade e assim viver de acordo com as leis da Criação, então poderão se tornar inteligentes e fortes em espírito. TJ 15:18 Para aqueles que possuem, mais lhes será dado, para que possam ter em abundância; Mas aqueles que nada tem, deles lhes serão tirados o que possuem. TJ 15:19 Portanto, eu lhes falo por parábolas, porque enxergando com os olhos eles não vêem, e ouvindo com os ouvidos não ouvem; e nem entendem. TJ 15:20 E neles cumpre-se a profecia de Isaías que diz: Com os vossos ouvidos ouvireis e não entendereis; e com os olhos abertos vereis e não percebereis. Mat. 13:14 E neles se cumpre a profecia de Isaías, que diz: Ouvindo, ouvireis, e de maneira alguma entendereis; e, vendo, vereis, e de maneira alguma percebereis. TJ 15:21 Pois estas pessoas são teimosas em suas mentes e esforços. Os ouvidos destes humanos ouvem mal e seus olhos dormem, então não enxergam com os seus olhos e nem ouvem com os seus ouvidos, nem entendem com a sua inteligência. E nem tentam compreender a verdade e reconhecer as leis da Criação, embora eles alcançariam daí auxílio e conhecimento. Mat. 13:15 Porque o coração deste povo se endureceu, e com os ouvidos ouviram tardamente, e fecharam os olhos, para que não vejam com os olhos, nem ouçam com os ouvidos, nem entendam com o coração, nem se convertam, e eu os cure. TJ 15:22 Porque o povo de Israel é infiel às leis da Criação e são amaldiçoados, e nunca encontrarão a paz. TJ 15:23 Seu sangue será derramado, porque constantemente transgridem contra as leis da Criação. TJ 15:24 Eles se presumem acima de toda a humanidade como um povo escolhido, e assim, como uma raça separada. TJ 15:25 Que erro maligno e que presunção maligna, pois como Israel jamais foi um povo, uma raça, assim jamais foi um povo escolhido. TJ 15:26 Infiéis as leis da Criação, Israel é uma massa de pessoas com um passado inglório, caracterizado pelo assassinato e pelo incêndio. TJ 15:27 Apenas uns poucos pais dentre as massas destes infiéis possuem um passado honorável e uma árvore genealógica provável. TJ 15:28 Esses, contudo, não fazem parte da raça de cobras e víboras que se entregaram à falsa fé judaica. TJ 15:29 As falsas crenças e os falsos ensinamentos que adotaram de Moisés que, por sua vez, os roubou dos Egípcios. TJ 15:30 Esses poucos pais são conhecedores da verdade e do verdadeiro conhecimento, e reconhecem apenas as leis da Criação. TJ 15:31 Contudo, eles se tornaram raros nesta terra, e assim podem ser contados em apenas uma das mãos de um homem. TJ 15:32 Eles são somente uns poucos, e os olhos de ninguém podem reconhecê-los e nem os ouvidos de ninguém podem ouvi-los. TJ 15:33 Mas bem-aventurados são os vossos olhos, pois eles vêem, e vossos ouvidos, pois eles ouvem. Mat. 13:16 Mas bem-aventurados os vossos olhos, porque vêem, e os vossos ouvidos, porque ouvem. TJ 15:34 Em verdade, eu vos digo, muitos profetas e homens justos desejaram ver o que vedes mas não viram, e ouvir o que vós ouvis mas não ouviram. Mat. 13:17 Pois, em verdade vos digo que muitos profetas e justos desejaram ver o que vedes, e não o viram; e ouvir o que ouvis, e não o ouviram. TJ 15:35 Portanto, ouvi agora o significado oculto desta parábola sobre o semeador: Mat. 13:18 Ouvi, pois, vós a parábola do semeador. TJ 15:36 Se alguém ouve a palavra da verdade sobre o espírito e as leis, e não a compreende, então o maligno vem e pega o que está semeado em sua mente. Isso é para aquele a quem foi semeado no caminho. Mat. 13:19 A todo o que ouve a palavra do reino e não a entende, vem o Maligno e arrebata o que lhe foi semeado no coração; este é o que foi semeado à beira do caminho. 45

46 TJ 15:37 Mas para quem foi semeado nas pedras, este é aquele que ouve a palavra e prontamente a aceita com alegria. Mat. 13:20 E o que foi semeado nos lugares pedregosos, este é o que ouve a palavra, e logo a recebe com alegria; TJ 15:38 Mas esta pessoa não tem raízes por dentro, então o que foi ouvido não pode se agarrar e crescer. Pelo contrário, este é inconstante e se aborrece quando a miséria e a perseguição se erguem por causa da verdade. Mat. 13:21 mas não tem raiz em si mesmo, antes é de pouca duração; e sobrevindo a angústia e a perseguição por causa da palavra, logo se escandaliza. TJ 15:39 Mas para aquele a quem foi semeado entre os espinhos, este é aquele que ouve a palavra, mas as preocupações do mundo e o engano das riquezas materiais sufocam a verdade e o conhecimento; portanto este não produz bons frutos. Mat. 13:22 E o que foi semeado entre os espinhos, este é o que ouve a palavra; mas os cuidados deste mundo e a sedução das riquezas sufocam a palavra, e ela fica infrutífera. TJ 15:40 Mas a quem foi semeado em bom solo, este é aquele que aceita a palavra, e busca e encontra a verdade, para que então seja capaz de viver de acordo com as leis da verdade; permitindo assim que o fruto cresça e amadureça, produzindo uma rica colheita. Uma pessoa produz centenas de vezes, uma outra sessenta e outra trinta vezes. Mat. 13:23 Mas o que foi semeado em boa terra, este é o que ouve a palavra, e a entende; e dá fruto, e um produz cem, outro sessenta, e outro trinta. TJ 15:41 Estes são os significados das parábolas, cujos segredos devem ser decifrados pelas pessoas, de modo que elas aprendam a pensar e desenvolvam a percepção. TJ 15:42 Entretanto, a senda para a sabedoria e o encontro da verdade é longa, assim como é o cumprimento das leis da Criação, embora sejam tão óbvias. As Ervas Daninhas entre os Bons Frutos TJ 15:43 Mas ele pôs diante deles uma outra parábola e disse: O reino espiritual é como um homem que plantou boas sementes em seu campo. Mat. 13:24 Propôs-lhes outra parábola, dizendo: O reino dos céus é semelhante ao homem que semeou boa semente no seu campo; TJ 15:44 Mas enquanto dormia, veio o seu inimigo e semeou ervas daninhas entre as boas sementes e se foi. Mat. 13:25 mas, enquanto os homens dormiam, veio o inimigo dele, semeou joio no meio do trigo, e retirou-se. TJ 15:45 Quando a plantação cresceu e deu bons frutos, as ervas daninhas também apareceram. Mat. 13:26 Quando, porém, a erva cresceu e começou a espigar, então apareceu também o joio. TJ 15:46 Então, vieram os criados ao semeador e disseram: Senhor, não semeaste boas sementes em teu campo: De onde vieram as ervas daninhas? Mat. 13:27 Chegaram, pois, os servos do proprietário, e disseram-lhe: Senhor, não semeaste no teu campo boa semente? Donde, pois, vem o joio? TJ 15:47 Ele disse à eles: Um inimigo fez isso. Então os criados disseram: Desejas que vamos ao campo arrancar as ervas daninhas? Mat. 13:28 Respondeu-lhes: Algum inimigo é quem fez isso. E os servos lhe disseram: Queres, pois, que vamos arrancá-lo? TJ 15:48 Ele respondeu: Não, senão ireis arrancar os bons frutos quando puxardes as ervas daninhas. Mat. 13:29 Ele, porém, disse: Não; para que, ao colher o joio, não arranqueis com ele também o trigo. TJ 15:49 Deixai que ambas cresçam até a colheita, e na próxima época da colheita eu direi aos colhedores: Juntai primeiro as ervas daninhas, amarrai-as em feixes, para que possam ser queimadas e as cinzas espalhadas sobre o campo, de modo que o solo seja nutrido; mas juntai os bons frutos e estocai-os para mim em meu celeiro. 46

47 Mat. 13:30 Deixai crescer ambos juntos até a ceifa; e, por ocasião da ceifa, direi aos ceifeiros: Ajuntai primeiro o joio, e atai-o em molhos para o queimar; o trigo, porém, recolhei-o no meu celeiro. TJ 15:50 Pois vede! Disse Jmmanuel, ambos crescem lado a lado, as ervas daninhas e os bons frutos. TJ 15:51 As ervas daninhas impedem os bons frutos de crescerem, embora mais tarde as ervas daninhas se transformem em adubo e nutrem o solo. TJ 15:52 Se não fosse pelas ervas daninhas terem sido transformadas em nutrientes para o solo, os bons frutos não poderiam crescer, já que necessitam de nutrientes. A Semente de Mostarda TJ 15:53 Ele presenteou às pessoas com uma outra parábola, dizendo: O reino espiritual é como uma semente de mostarda que um homem pegou e semeou em seu campo. Mat. 13:31 Propôs-lhes outra parábola, dizendo: O reino dos céus é semelhante a um grão de mostarda que um homem tomou, e semeou no seu campo; TJ 15:54 É a menor dentre as sementes, mas quando cresce, é maior que todos os arbustos e se transforma numa árvore, de modo que os pássaros do céu vêm e habitam em seus galhos. Mat 13:32 o qual é realmente a menor de todas as sementes; mas, depois de ter crescido, é a maior das hortaliças, e faz-se árvore, de sorte que vêm as aves do céu, e se aninham nos seus ramos. O Fermento TJ 15:55 Ele contou às pessoas uma outra parábola: O reino espiritual é como o fermento, que uma mulher pegou e misturou à três alqueires de farinha até que ficasse totalmente fermentado. Mat. 13:33 Outra parábola lhes disse: O reino dos céus é semelhante ao fermento que uma mulher tomou e misturou com três medidas de farinha, até ficar tudo levedado. TJ 15:56 Jmmanuel falava às pessoas de tudo isso por parábolas, e ele não falava com elas sem usar parábolas. Mat. 13:34 Todas estas coisas falou Jesus às multidões por parábolas, e sem parábolas nada lhes falava; TJ 15:57 De modo que o que foi dito pelo profeta fosse cumprido, que afirma: Ele irá abrir a sua boca em parábolas e irá proclamar o que foi oculto desde o começo do mundo. Era assim para que as pessoas pudessem aprender com elas, encontrar a verdade, e reconhecer e seguir as leis. Mat. 13:35 para que se cumprisse o que foi dito pelo profeta: Abrirei em parábolas a minha boca; publicarei coisas ocultas desde a fundação do mundo. Mat. 13:36 Então Jesus, deixando as multidões, entrou em casa. E chegaram-se a ele os seus discípulos, dizendo: Explica-nos a parábola do joio do campo. (TEXTO INVENTADO PELO SUPOSTO MATEUS!!!) Mat. 13:37 E ele, respondendo, disse: O que semeia a boa semente é o Filho do homem; (TEXTO INVENTADO PELO SUPOSTO MATEUS!!!) Mat. 13:38 o campo é o mundo; a boa semente são os filhos do reino; o joio são os filhos do maligno; (TEXTO INVENTADO PELO SUPOSTO MATEUS!!!) Mat. 13:39 o inimigo que o semeou é o Diabo; a ceifa é o fim do mundo, e os celeiros são os anjos. (TEXTO INVENTADO PELO SUPOSTO MATEUS!!!) Mat. 13:40 Pois assim como o joio é colhido e queimado no fogo, assim será no fim do mundo. (TEXTO INVENTADO PELO SUPOSTO MATEUS!!!) Mat. 13:41 Mandará o Filho do homem os seus anjos, e eles ajuntarão do seu reino todos os que servem de tropeço, e os que praticam a iniquidade, (TEXTO INVENTADO SUPOSTO MATEUS!!!) Mat. 13:42 e lançá-los-ão na fornalha de fogo; ali haverá choro e ranger de dentes. (TEXTO INVENTADO PELO SUPOSTO MATEUS!!!) Mat. 13:43 Então os justos resplandecerão como o sol, no reino de seu Pai. Quem tem ouvidos, ouça. (TEXTO INVENTADO PELO SUPOSTO MATEUS!!!) 47

48 48 O Tesouro no Campo e a Pérola de Valor Incalculável TJ 15:58 Que ouçam aqueles que tenham ouvidos: O reino espiritual é como um tesouro escondido no campo, que uma pessoa encontra e esconde; e por sua alegria pela descoberta vai e vende tudo o que possui e compra o campo. Mat. 13:44 O reino dos céus é semelhante a um tesouro escondido no campo, que um homem, ao descobrí-lo, esconde; então, movido de gozo, vai, vende tudo quanto tem, e compra aquele campo. (Mentiroso! que reino do céu é esse falsificador da verdade???) TJ 15:59 Uma vez mais: O reino espiritual é como um mercador que procurava por finas pérolas. Quando encontrou uma pérola preciosa, foi e vendeu tudo o que possuía e a comprou. Mat. 13:45 Outrossim, o reino dos céus é semelhante a um negociante que buscava boas pérolas; Mat. 13:46 e encontrando uma pérola de grande valor, foi, vendeu tudo quanto tinha, e a comprou. A Rede de Peixes TJ 15:60 Novamente, o reino espiritual é como uma rede que foi lançada ao mar e apanhou todos os tipos de peixe. Mat. 13:47 Igualmente, o reino dos céus é semelhante a uma rede lançada ao mar, e que apanhou toda espécie de peixes. TJ 15:61 Quando estava cheia, os pescadores puxaram-na para a praia, sentaram-se e separaram os peixes bons em cestos, mas lançaram fora os inúteis. Mat. 13:48 E, quando cheia, puxaram-na para a praia; e, sentando-se, puseram os bons em cestos; os ruins, porém, lançaram fora. TJ 15:62 Assim é o reino espiritual, que reina dentro dos humanos e cujo rei é o próprio ser humano. Mat. 13:49 Assim será no fim do mundo: sairão os anjos, e separarão os maus dentre os justos, (Tolices INVENTADAS pelo suposto autor Mateus! Anjos!, Fim do Mundo, Reino do Pai, Filho do Homem! Textos e palavras nascidas na mente farisáica do falsificador do textos!) Mat. 13:50 e lançá-los-ão na fornalha de fogo; ali haverá choro e ranger de dentes. (TEXTO INVENTADO PELO SUPOSTO AUTOR/FALSIFICADOR MATEUS!!!) TJ 15:63 Prestai atenção às parábolas, e aprendei a resolver os seus segredos, para que aprendais a pensar e para que reconheçais e sigais as leis da Criação. TJ 15:64 Compreendestes tudo isto? E eles disseram: Sim. Mat. 13:51 Entendestes todas estas coisas? Disseram-lhe eles: Entendemos. TJ 15:65 Então, ele disse: Portanto, cada escriba que se tornou um discípulo do conhecimento espiritual e do reino espiritual é como um pai de família que retira de seu tesouro as coisas novas e as velhas. Mat. 13:52 E disse-lhes: Por isso, todo escriba que se fez discípulo do reino dos céus é semelhante a um homem, proprietário, que tira do seu tesouro coisas novas e velhas. Em Nazaré TJ 15:66 E aconteceu que após Jmmanuel ter terminado estas parábolas, ele retirou-se dali. Mat. 13:53 E Jesus, tendo concluído estas parábolas, se retirou dali. TJ 15:67 Chegando em sua cidade de Nazaré, ele ensinou na sinagoga. As pessoas ficavam assustadas, e diziam: De onde vem à ele tal sabedoria e feitos? Mat. 13:54 E, chegando à sua terra, ensinava o povo na sinagoga, de modo que este se maravilhava e dizia: Donde lhe vem esta sabedoria, e estes poderes milagrosos? TJ 15:68 Ele não é o filho de José, o carpinteiro, cuja esposa engravidou-se de um anjo guardião? Mat. 13:5 Não é este o filho do carpinteiro? e não se chama sua mãe Maria, e seus irmãos Tiago, José, Simão, e Judas? TJ 15:69 Sua mãe não se chama Maria? TJ 15:70 Não são os seus irmãos Judas, e José, e Simão, e Tiago?

49 TJ 15:71 E suas irmãs, não estão elas conosco? Mat. 13:56 E não estão entre nós todas as suas irmãs? Donde lhe vem, pois, tudo isto? TJ 15:72 De onde lhe vem toda esta sabedoria e o poder de seus feitos? TJ 15:73 Então, se ofenderam com ele e o ameaçaram lhe entregar aos tribunais. Mat. 13:57 E escandalizavam-se dele. Jesus, porém, lhes disse: Um profeta não fica sem honra senão na sua terra e na sua própria casa. TJ 15:74 Mas Jmmanuel falou: Em lugar nenhum um profeta é mais menosprezado do que em seu próprio país e em sua própria casa. Isso se provará ser verdadeiro para todo o sempre, já que a humanidade tem pouco conhecimento e é escravizada pelos enganosos ensinamentos dos escribas e dos distorcedores das escrituras. Mat. 13:58 E não fez ali muitos milagres, por causa da incredulidade deles. TJ 15:75 E se tornará verdade em duas vezes mil anos, quando os humanos se tornarem sábios e pensadores, e quando os meus verdadeiros ensinamentos forem revelados de novo. TJ 15:76 O novo profeta daquele futuro distante não possuirá a força e o poder sobre o mal e a doença. TJ 15:77 Mas sua sabedoria irá ultrapassar a minha, e suas revelações a respeito de meus verdadeiros ensinamentos irão abalar as fundações de toda a Terra, pois em seu tempo o mundo será inundado por meus ensinamentos, falsificados pelos distorcedores das escrituras, e viverão sob falsos cultos religiosos que trazem a morte. TJ 15:78 Será nos tempos quando guerras do espaço começarem a ameaçar, e muitos deuses novos tentarão reinar sobre a Terra. TJ 15:79 Em verdade, em verdade, eu vos digo: o novo profeta será perseguido não apenas por pessoas falsas, como acontecerá comigo, mas também por todo o mundo e por muitos cultos religiosos errôneos, que gerarão muitos falsos profetas. TJ 15:80 E ainda, antes do final de duas vezes mil anos um novo profeta irá revelar os meus ensinamentos não falsificados para pequenos grupos, assim como eu ensino sabedoria e conhecimento e a leis do espírito e da Criação à pequenos grupos de discípulos e amigos de confiança. TJ 15:81 Contudo, sua senda será muito difícil e cheia de obstáculos, porque ele dará inicio a sua missão num país amante da paz, no Norte, que, contudo, será dominado por um austero e falso culto baseado nas distorções de meus ensinamentos. TJ 15:82 Assim eu profetizo, e assim será. TJ 15:83 E ali ele não demonstra grandes sinais de seu poder, e nem propaga sua grande sabedoria por causa do desprezo deles pela verdade. Capitulo 16 Herodes e o Batista TJ 16:1 Na época e que Jmmanuel permaneceu em Nazaré, notícias a seu respeito chegaram até Herodes. Mat. 14:1 Naquele tempo Herodes, o tetrarca, ouviu a fama de Jesus, TJ 16:2 E ele falou para o seu povo: Certamente este é João Batista, que ressuscitou dos mortos e quem, portanto, possuí tamanhos poderes. Mat. 13:2 e disse aos seus cortesãos: Este é João, o Batista; ele ressuscitou dentre os mortos, e por isso estes poderes milagrosos operam nele. TJ 16:3 Pois Herodes havia capturado João, amarrou-o e o pôs na prisão por causa de Herodias, a esposa de seu irmão Felipe, e cortou a sua cabeça. Mat. 14:3 Pois Herodes havia prendido a João, e, maniatando-o, o guardara no cárcere, por causa de Herodias, mulher de seu irmão Felipe; TJ 16:4 Todavia tinha acontecido anteriormente de João ter repreendido Herodes, dizendo: Não é bom que tenhas tomado Herodias, porque cometestes adultério com a esposa do teu irmão e, portanto, deves ser punido de acordo com a lei. Mat. 14:4 porque João lhe dizia: Não te é lícito possuí-la. 49

50 Nota do tradutor: Do livro do historiador Flavius Josephus A Antiguidade dos Judeus Herodias era casada com Herodes, o filho de Herodes - o Grande, de Mariamme a filha de Simão o sumo sacerdote. Eles tiveram um filha Salome, após cujo nascimento Herodias, que pusera na cabeça transgredir os costumes de nossos ancestrais, casou-se com Herodes (Antipas)- o Tetrarca, irmão de seu marido (filho) do mesmo pai, que foi o Tetrarca da Galiléia, para isso ela deixou um marido vivo. TJ 16:5 Por isso, ele queria matar o Batista mas temia o povo, porque consideravam que este homem era um profeta. Mat. 14:5 E queria matá-lo, mas temia o povo; porque o tinham como profeta. TJ 16:6 Contudo, como Herodes celebrava seu natalício, a filha de Herodias dançava diante deles, e Herodes estava muito feliz. Mat. 14:6 Festejando-se, porém, o dia natalício de Herodes, a filha de Herodias dançou no meio dos convivas, e agradou a Herodes, TJ 16:7 Ele então prometeu à ela, jurando ilicitamente, que lhe daria qualquer coisa que ela lhe pedisse. Mat. 14:7 pelo que este prometeu com juramento dar-lhe tudo o que pedisse. TJ 16:8 E como ela havia sido induzida previamente por sua mãe, ela disse: Trazei-me a cabeça de João Batista, numa bandeja de prata. Mat. 14:8 E instigada por sua mãe, disse ela: Dá-me aqui num prato a cabeça de João, o Batista. TJ 16:9 Mas a filha de Herodias chorou enquanto dizia isso, não só porque estava inspirada pelo amor de João, o Batista, mas também porque era devota de seus ensinamentos. TJ 16:10 O rei estava contente que Herodias havia persuadido a sua filha a pedir a cabeça de João o Batista, pois desta maneira ele não seria culpado aos olhos do povo já que tinha feito um juramento. Mat. 14:9 Entristeceu-se, então, o rei; mas, por causa do juramento, e dos que estavam à mesa com ele, ordenou que se lhe desse, TJ 16:11 Mas, a filha de Herodias não sabia que Herodes e sua mãe tinham um acordo, antes mesmo da dança, de entregar a cabeça de João, o Batista, através dela. TJ 16:12 Então, Herodes enviou alguém e decapitou João na prisão. Mat. 14:10 e mandou degolar a João no cárcere; TJ 16:13 Sua cabeça foi levada numa bandeja de prata e foi entregue à menina. Mat. 14:11 e a cabeça foi trazida num prato, e dada à jovem, e ela a levou para a sua mãe. TJ 16:14 Ela beijou a testa da cabeça decapitada, chorou amargamente e disse: TJ 16:15 Eu não sabia que o amor tinha um gosto tão amargo. TJ 16:16 Então, ela levou a cabeça do Batista até sua mãe. TJ 16:17 Vieram então os seus discípulos, pegaram o corpo e o sepultaram. Então, foram até Jmmanuel e lhe contaram sobre o acontecido. Mat. 14:12 Então vieram os seus discípulos, levaram o corpo e o sepultaram; e foram anunciá-lo a Jesus. TJ 16:18 E quando Jmmanuel ouviu isso, foi tomado por grande temor e retirou-se dali de barco para uma área deserta. Contudo, quando as pessoas ouviram aquilo, elas o seguiram a pé desde as cidades. Mat. 14:13 Jesus, ouvindo isto, retirou-se dali num barco, para um lugar deserto, à parte; e quando as multidões o souberam, seguiram-no a pé desde as cidades. TJ 16:19 E da água, Jmmanuel viu a grande multidão, e sentido-se com pena delas, foi até a praia e curou os doentes. Mat. 14:14 E ele, ao desembarcar, viu uma grande multidão; e, compadecendo-se dela, curou os seus enfermos. Alimentando os Cinco Mil TJ 16:20 De tardinha, os discípulos vieram até ele, e lhe disseram: Esta área é deserta e a noite está caindo sobre a terra. Diga às pessoas para que vão embora para que possam comprar comida e bebida nas aldeias. 50

51 Mat. 14:15 Chegada a tarde, aproximaram-se dele os discípulos, dizendo: O lugar é deserto, e a hora é já passada; despede as multidões, para que vão às aldeias, e comprem o que comer. TJ 16:21 Mas Jmmanuel disse: Não é necessário que eles vão embora. Dai-lhes comida e bebida. Mat. 14:16 Jesus, porém, lhes disse: Não precisam ir embora; dai-lhes vós de comer. TJ 16:22 E eles responderam: Não temos nada aqui mas cinco pães e três peixes. Mat. 14:17 Então eles lhe disseram: Não temos aqui senão cinco pães e dois peixes. TJ 16:23 E ele disse: Traga-os para mim. Mat. 14:18 E ele disse: trazei-mos aqui. TJ 16:24 E pedindo ao povo para descansar, ele pegou os cinco pães e os três peixes, falou palavras secretas, partiu os pães, cortou o peixes e entregou-os aos discípulos; e os discípulos os entregou ao povo. Mat. 14:19 Tendo mandado às multidões que se reclinassem sobre a relva, tomou os cinco pães e os dois peixes e, erguendo os olhos ao céu, os abençoou; e partindo os pães, deu-os aos discípulos, e os discípulos às multidões. TJ 16:25 E todos comeram e ficaram satisfeitos, e guardaram o que sobrou, doze cestos cheio de pedaços. Mat. 14:20 Todos comeram e se fartaram; e dos pedaços que sobejaram levantaram doze cestos cheios. TJ 16:26 E haviam aproximadamente cinco mil pessoas que comeram. Mat. 14:21 Ora, os que comeram foram cerca de cinco mil homens, além de mulheres e crianças. Caminhando sobre o Mar TJ 16:27 E logo após isso, Jmmanuel orientou os seus discípulos a entrarem no barco e atravessarem rumo à cidade a frente dele enquanto ele dispensava as pessoas. Mat. 14:22 Logo em seguida obrigou os seus discípulos a entrar no barco, e passar adiante dele para o outro lado, enquanto ele despedia as multidões. TJ 16:28 Após ter mandado as pessoas irem embora, ele subiu um pequeno morro de modo a descansar e refazer as suas forças exauridas. E ali permaneceu só durante a noite. Mat. 14:23 Tendo-as despedido, subiu ao monte para orar à parte. Ao anoitecer, estava ali sozinho. TJ 16:29 O barco dos discípulos estava àquela hora no meio do mar e sendo exposto ao perigo das ondas, pois o vento estava contra eles e a tempestade estava sobre eles. Mat. 14:24 Entrementes, o barco já estava a muitos estádios da terra, açoitado pelas ondas; porque o vento era contrário. TJ 16:30 Contudo, na quarta hora de vigília, durante a noite, Jmmanuel aproximou-se deles, caminhando sobre as águas do mar. Mat. 14:25 À quarta vigília da noite, foi Jesus ter com eles, andando sobre o mar. TJ 16:31 Quando os seus discípulos o viram caminhando sobre a água, ficaram aterrorizados e disseram: Ele é um fantasma! E gritaram de medo. Mat. 14:26 Os discípulos, porém, ao vê-lo andando sobre o mar, assustaram-se e disseram: É um fantasma. E gritaram de medo. TJ 16:32 Mas logo Jmmanuel chegando perto, falou à eles, dizendo: Acalmai-vos, sou eu, não tenhais medo. Mat. 14:27 Jesus, porém, imediatamente lhes falou, dizendo: Tende ânimo; sou eu; não temais. TJ 16:33 Mas Pedro perguntou: Mestre, és tu? Mat. 14:8 Respondeu-lhe Pedro: Senhor! se és tu, manda-me ir ter contigo sobre as águas. TJ 16:34 Em verdade, sou eu. Disse Jmmanuel. TJ 16:35 Mas Pedro respondeu-o e disse: Mestre, se és tu, então deixa-me chegar até ti sobre a água. TJ 16:36 E Jmmanuel disse: Venhas aqui até mim e não tenhas medo. Mat. 14:29 Disse-lhe ele: Vem. Pedro, descendo do barco, e andando sobre as águas, foi ao encontro de Jesus. TJ 16:37 Entendas e saibas que a água te carrega, e ela te carregará. TJ 16:38 Não tenhas dúvida de teu conhecimento e capacidade, e a água será uma base firme. 51

52 TJ 16:39 E Pedro saiu para fora do barco, caminhou sobre a água e aproximou-se de Jmmanuel. TJ 16:40 Mas um forte trovão rompeu-se em meio a tempestade uivante, ele se assustou e começou a afundar, gritando: Jmmanuel, socorrei-me! Mat. 14:30 Mas, sentindo o vento, teve medo; e, começando a submergir, clamou: Senhor, salvame. TJ 16:41 Jmmanuel rapidamente foi até ele, estendeu a sua mão e agarrou-o, dizendo: Oh, tu de pouco conhecimento, por que temeste e por que duvidaste em teu temor? Mat. 14:31 Imediatamente estendeu Jesus a mão, segurou-o, e disse-lhe: Homem de pouca fé, por que duvidaste? TJ 16:42 O poder de teu conhecimento te dá a capacidade, assim como tu o testemunhaste. TJ 16:43 Confiastes em minhas palavras antes que viesse o trovão, mas então ficastes com medo e começastes a duvidar, e o poder do conhecimento te deixou e tua capacidade desapareceu. TJ 16:44 Jamais duvides do poder de teu espírito, que faz parte da própria Criação e, portanto, não conhece limites de poder. TJ 16:45 Vês, havia um pequenino pássaro que circulava por grandes alturas e cantava, regozijando-se da vida, quando uma forte lufada de vento veio e o fez oscilar. Ele então de repente duvidou de seu poder de voar, mergulhou rumo ao chão e foi morto. TJ 16:46 Portanto, jamais duvides do poder de teu espírito e jamais duvides de teu conhecimento e capacidade quando a lógica te provar a lei da Criação em verdade e retidão. TJ 16:47 E eles entraram no barco, e Jmmanuel mandou parar a tempestade. Ela parou, e cessaram os ventos. Mat. 14:32 E logo que subiram para o barco, o vento cessou. TJ 16:48 Aqueles que estavam no barco maravilharam-se e disseram: Tu és verdadeiramente um mestre do espírito e alguém que conhece as leis da Criação. Mat. 14:33 Então os que estavam no barco adoraram-no, dizendo: Verdadeiramente tu és Filho de Deus. TJ 16:49 Ninguém como tu nasceu entre nós, e nenhum profeta conhecido por nós possuía tal poder. TJ 16:50 Mas Jmmanuel respondeu-lhes: Eu vos digo que há mestres de maiores poderes espirituais que os meus, e eles são os nossos distantes ancestrais de Petale.* *Petale: O mais alto nível de desenvolvimento espiritual que uma forma de puro-espírito pode alcançar antes de finalmente fundir-se com a Criação e tornar-se um com ela. TJ 16:51 E grandes também são aqueles, que vieram das profundezas do espaço, e o maior dentre eles é deus, e ele é o regente espiritual das três linhagens humanas. TJ 16:52 Contudo, acima dele está a Criação, cujas leis ele segue e respeita fielmente; portanto, ele não é onipotente, como só a Criação pode ser. TJ 16:53 Portanto, há também limites impostos à ele, que se permite ser chamado de deus, e que está acima de imperadores e reis, como diz a Palavra. TJ 16:54 Mas os humanos são ignorantes e imaturos, então acreditam que deus é a Criação e servem uma doutrina errônea, pois foram falsificadas pelos distorcedores das escrituras. TJ 16:55 Portanto, as pessoas acreditam em deus, elas não sabem a respeito da realidade da Criação, mas deus é humano assim como nós somos. TJ 16:56 Mas a diferença é que em sua consciência e conhecimento, e, em sabedoria, lógica, e amor, ele é milhares de vezes superior a vós e é ainda superior a todas as pessoas da Terra. TJ 16:57 Mas ele não é a Criação, que é infinita e sem forma. TJ 16:58 Mas deus é também uma das criaturas da Criação, que, de acordo com a ilógica opinião humana, não tem princípio nem fim. TJ 16:59 E eles atravessaram o mar e chegaram às praias de Genazaré. Mat. 14:34 Ora, terminada a travessia, chegaram à terra em Genezaré. TJ 16:60 Quando o povo daquela região soube dele, eles avisaram toda a terra e lhe trouxeram todos os que estavam doentes. Mat. 14:35 Quando os homens daquele lugar o reconheceram, mandaram por toda aquela circunvizinhança, e trouxeram-lhe todos os enfermos; 52

53 TJ 16:61 Então lhe pediram se pudessem tocar-lhe as bordas de suas vestes, para que pudessem ser curados. Mat. 14:36 e rogaram-lhe que apenas os deixasse tocar a orla do seu manto; e todos os que a tocaram ficaram curados. TJ 16:62 E assim aconteceu, aqueles que lhe tocaram as bordas de suas vestes ficaram curados. Capítulo 17 Mandamentos Humanos e as Leis da Criação TJ 17:1 Fariseus e escribas de Jerusalém se dirigiram até Jmmanuel e disseram: Mat. 15:1 Então chegaram a Jesus uns fariseus e escribas vindos de Jerusalém, e lhe perguntaram: TJ 17:2 Por que os teus discípulos desrespeitam os estatutos dos anciãos? Mat. 15:2 Por que transgridem os teus discípulos a tradição dos anciãos? pois não lavam as mãos, quando comem. TJ 17:3 Ele lhes respondeu dizendo: Por que violais as leis da Criação seguindo os seus estatutos? Mat. 15:3 Ele, porém, respondendo, disse-lhes: E vós, por que transgredis o mandamento de Deus por causa da vossa tradição? TJ 17:4 Moisés disse, de acordo com as leis humanas: Deves honrar teu pai e tua mãe, mas aquele que injustamente desonrar seu pai ou sua mãe deve morrer. Mat. 15:4 Pois Deus ordenou: Honra a teu pai e a tua mãe; e, Quem maldisser a seu pai ou a sua mãe, certamente morrerá. TJ 17:5 O ensinamento das leis da Criação é este: Deveis honrar teu pai e tua mãe; mas qualquer um que não honrar seu pai ou sua mãe deve ser expulso da família e da sociedade dos justos. TJ 17:6 Mas vós ensinais: Dizei ao pai ou mãe: Faço doação ao culto daquilo que devo em teu favor, assim não mais estarei em débito contigo. Mat. 15:5 Mas vós dizeis: Qualquer que disser a seu pai ou a sua mãe: O que poderias aproveitar de mim é oferta ao Senhor; esse de modo algum terá de honrar a seu pai. TJ 17:7 Portanto, ensinais erroneamente que as pessoas não precisam mais honrar seus pais ou suas mães. Trocastes, portanto, as leis da Criação por vossos próprios estatutos e ganância pelo poder. Mat. 15:6 E assim por causa da vossa tradição invalidastes a palavra de Deus. TJ 17:8 Hipócritas! Isaías profetizou com precisão a vosso respeito, quando disse: Mat. 15:7 Hipócritas! bem profetizou Isaias a vosso respeito, dizendo: TJ 17:9 O povo de Israel só honra a Criação com os lábios, mas o seu coração e o seu conhecimento estão longe dela. Mat. 15:8 Este povo honra-me com os lábios; o seu coração, porém, está longe de mim. TJ 17:10 Servem aos seus cultos em vão, porque eles ensinam tais ensinamentos falsos e não verdadeiros, que nada mais são do que leis feitas pelos homens. Mat. 15:9 Mas em vão me adoram, ensinando doutrinas que são preceitos de homem. TJ 17:11 E Jmmanuel chamou o povo até ele e disse-lhes: Ouvi e entendeis! Mat. 15:10 E, clamando a si a multidão, disse-lhes: Ouvi, e entendei: TJ 17:12 Os ensinamentos dos escribas e dos Fariseus são falsos e não são verdadeiros, pois vos pregam apenas estatutos feitos pelo homem, que não são as leis da Criação. Mat. 15:11 Não é o que entra pela boca que contamina o homem; mas o que sai da boca, isso é o que o contamina. (O suposto Mateus inventou todo este texto!!!) TJ 17:13 Nisso, os seus discípulos vieram até ele e disseram: Estás consciente de que os escribas e os Fariseus se ofenderam por causa das tuas palavras quando as ouviram. Mat. 15:12 Então os discípulos, aproximando-se dele, perguntaram-lhe: Sabes que os fariseus, ouvindo essas palavras, se escandalizaram? TJ 17:14 Eles foram dar testemunho contra ti para que te matem por causa de teus ensinamentos. TJ 17:15 Mas ele respondeu e falou: Todas as plantas que não vivem de acordo com as leis da Criação, secarão e apodrecerão. Mat. 15:13 Respondeu-lhes ele: Toda planta que meu Pai celestial não plantou será arrancada. 53

54 TJ 17:16 Deixai-os, eles são líderes cegos que guiam cegos; mas quando um cego guia um outro homem cego, ambos cairão dentro da cova. Mat. 15:14 Deixai-os; são guias cegos; ora, se um cego guiar outro cego, ambos cairão no barranco. TJ 17:17 Mas vamos partir, para que os lacaios fiquem sem o seu butim. TJ 17:18 Então Pedro perguntou-lhe dizendo: Por favor, interpreta-nos o teu discurso a respeito das plantas e dos homens cegos. Mat. 15:15 E Pedro, tomando a palavra, disse-lhe: Explica-nos essa parábola. TJ 17:19 Mas Jmmanuel repreendeu os seus discípulos e disse-lhes: Sois vós, também, ainda sem sabedoria e, portanto, também ignorantes e duvidosos em reconhecimento, compreensão, e entendimento? Mat. 15:16 Respondeu Jesus: Estai vós também ainda sem entender? TJ 17:20 Estais comigo por tanto tempo agora, mas ainda vos faltais a capacidade para pensar e reconhecer a verdade. Mat. 15:17 Não compreendeis que tudo o que entra pela boca desce pelo ventre, e é lançado fora? (Texto inventado pelo suposto autor/falsificador Mateus!!!) TJ 17:21 Em verdade, eu vos digo: vós mesmos muito fareis para falsificar os meus ensinamentos no futuro. Mat. 15:18 Mas o que sai da boca procede do coração; e é isso o que contamina o homem. (Texto inventado!) TJ 17:22 Em vosso saber mal suplantais o de outras pessoas. Mat. 15:19 Porque do coração procedem os maus pensamentos, homicídios, adultérios, prostituição, furtos, falsos testemunhos e blasfêmias. (Texto inventado pelo suposto Mateus!!! Tudo isso procede das mentiras das religiões enganosas e falsas!) TJ 17:23 Não percebeis ainda que as parábolas e discursos possuem um significado espiritual e são, portanto, a respeito da vida espiritual dos humanos? Mat. 15:20 São estas as coisas que contaminam o homem; mas o comer sem lavar as mãos, isso não o contamina. (Texto inventado pelo falsificador,supostamente chamado Mateus!!! Sem noção alguma de higiene!. Todos nós sabemos que existem bactérias nocivas a saúde humana e até crianças pequeninas sabem disso!) TJ 17:24 Oh, vós de pouco conhecimento, vossa compreensão não vai além da estupidez humana. TJ 17:25 Acautelai-vos, para que não me vejais sob uma falsa luz e me acuseis de uma origem da qual eu não poderia descender. Mat. 15:23 Contudo ele não lhe respondeu palavra. Chegando-se, pois, a ele os seus discípulos, rogavam-lhe, dizendo: Despede-a, porque vem clamando atrás de nós. (Texto inventado pelo escriba/falsificador supostamente chamado Mateus!!!) Mat. 15:24 Respondeu-lhes ele: Não fui enviado senão às ovelhas perdidas da casa de Israel. (Texto inventado pelo escriba/falsificador supostamente chamado Mateus!!!) Mat. 15:25 Então veio ela e, adorando-o, disse: Senhor, socorre-me (Texto inventado pelo escriba/falsificador supostamente chamado Mateus!!!) Mat. 15:26 Ele, porém, respondeu: Não é bom tomar o pão dos filhos e lançá-lo aos cachorrinhos. (Texto inventado!) Mat. 15:27 Ao que ela disse: Sim, Senhor, mas até os cachorrinhos comem das migalhas que caem da mesa dos seus donos. (Texto inventado!) Mat. 15:28 Então respondeu Jesus, e disse-lhe: ó mulher, grande é a tua fé! seja-te feito como queres. E desde aquela hora sua filha ficou sã. (Texto inventado!) Mat. 15:29 Partindo Jesus dali, chegou ao pé do mar da Galiléia; e, subindo ao monte, sentou-se ali (Texto inventado por fariseus!). Mat. 15:30 E vieram a ele grandes multidões, trazendo consigo coxos, aleijados, cegos, mudos, e outros muitos, e lhos puseram aos pés; e ele os curou; (Texto inventado!) Mat. 15:31 de modo que a multidão se admirou, vendo mudos a falar, aleijados a ficar sãos, coxos a andar, cegos a ver; e glorificaram ao Deus de Israel. (Texto inventado!) Mat. 15:32 Jesus chamou os seus discípulos, e disse: Tenho compaixão da multidão, porque já faz três dias que eles estão comigo, e não tem o que comer; e não quero despedi-los em jejum, para que não desfaleçam no caminho. (Texto inventado!) 54

55 55 Capítulo 18 Os Fariseus Pedem por um Sinal TJ 18:1 Jmmanuel partiu e fugiu para a região de Sidom e Tiro. Mat. 15:21 Ora, partindo Jesus dali, retirou-se para as regiões de Tiro e Sidom. TODOS OS TEXTOS DE MATEUS CITADOS ABAIXO SÃO FALSOS E MENTIROSOS! Mat. 15:22 E eis que uma mulher cananéia, provinda daquelas cercania, clamava, dizendo: Senhor, Filho de Davi, tem compaixão de mim, que minha filha está horrivelmente endemoninhada. (Texto inventado pelo supsoto autor/redator Mateus!!!) Mat. 15:23 Contudo ele não lhe respondeu palavra. Chegando-se, pois, a ele os seus discípulos, rogavam-lhe, dizendo: Despede-a, porque vem clamando atrás de nós. (Texto inventado pelo escriba/falsificador supostamente chamado Mateus!!!) Mat. 15:24 Respondeu-lhes ele: Não fui enviado senão às ovelhas perdidas da casa de Israel. (Texto inventado pelo escriba/falsificador supostamente chamado Mateus!!!) Mat. 15:25 Então veio ela e, adorando-o, disse: Senhor, socorre-me (Texto inventado pelo escriba/falsificador supostamente chamado Mateus!!!) Mat. 15:26 Ele, porém, respondeu: Não é bom tomar o pão dos filhos e lançá-lo aos cachorrinhos. (Texto inventado!) Mat. 15:27 Ao que ela disse: Sim, Senhor, mas até os cachorrinhos comem das migalhas que caem da mesa dos seus donos. (Texto inventado!) Mat. 15:28 Então respondeu Jesus, e disse-lhe: ó mulher, grande é a tua fé! seja-te feito como queres. E desde aquela hora sua filha ficou sã. (Texto inventado!) Mat. 15:29 Partindo Jesus dali, chegou ao pé do mar da Galiléia; e, subindo ao monte, sentou-se ali (Texto inventado por fariseus!). Mat. 15:30 E vieram a ele grandes multidões, trazendo consigo coxos, aleijados, cegos, mudos, e outros muitos, e lhos puseram aos pés; e ele os curou; (Texto inventado!) Mat. 15:31 de modo que a multidão se admirou, vendo mudos a falar, aleijados a ficar sãos, coxos a andar, cegos a ver; e glorificaram ao Deus de Israel. (Texto inventado!) Mat. 15:32 Jesus chamou os seus discípulos, e disse: Tenho compaixão da multidão, porque já faz três dias que eles estão comigo, e não tem o que comer; e não quero despedi-los em jejum, para que não desfaleçam no caminho. (Texto inventado!) Mat. 15:33 Disseram-lhe os discípulos: Donde nos viriam num deserto tantos pães, para fartar tamanha multidão? (Texto inventado pelo!) Mat. 15:34 Perguntou-lhes Jesus: Quantos pães tendes? E responderam: Sete, e alguns peixinhos. (Texto inventado pelo suposto autor/falsificador de nome Mateus!) Mat. 15:35 E tendo ele ordenado ao povo que se sentasse no chão, (Texto inventado pelo suposto autor/falsificador de nome Mateus!) Mat. 15:36 tomou os sete pães e os peixes, e havendo dado graças, partiu-os, e os entregava aos discípulos, e os discípulos á multidão. (Texto inventado pelo suposto autor/falsificador de nome Mateus!) Mat. 15:37 Assim todos comeram, e se fartaram; e do que sobejou dos pedaços levantaram sete alcofas cheias. (Texto inventado pelo suposto autor/falsificador de nome Mateus!) Mat. 15:38 Ora, os que tinham comido eram quatro mil homens além de mulheres e crianças (Texto inventado pelo suposto autor/falsificador de nome Mateus!) Mat. 15:39 E havendo Jesus despedido a multidão, entrou no barco, e foi para os confins de Magadã. (Texto inventado pelo suposto autor/falsificador de nome Mateus!) TJ 18:2 E vede! Os Saduceus e os Fariseus se aproximaram dele e pediram que ele lhes permitissem ver um sinal de seu poder espiritual. Mat. 12:38 Então alguns dos escribas e dos fariseus, tomando a palavra, disseram: Mestre, queremos ver da tua parte algum sinal. Mat. 16:1 Então chegaram a ele os fariseus e os saduceus e, para o experimentarem, pediram-lhe que lhes mostrasse algum sinal do céu. (Notar a repetição semelhante da passagem.!)

56 TJ 18:3 Mas ele respondeu dizendo: A noite vós dizeis: Amanhã fará dia bom pois o céu está vermelho. Mat. 16:2 Mas ele respondeu, e disse-lhes: Ao cair da tarde, dizeis: Haverá bom tempo, porque o céu está rubro. TJ 18:4 E de manhã vós dizeis: Hoje o tempo será ruim, pois o céu está vermelho e nublado. Então podeis julgar pela aparência do céu. Por que então não podeis julgar pelos sinais dos tempos. Mat. 16:3 E pela manhã: Hoje haverá tempestade, porque o céu está de um vermelho sombrio. Ora, sabeis discernir o aspecto do céu, e não podeis discernir os sinais dos tempos? TJ 18:5 Esta geração maligna e infiel está em busca de um sinal; nenhum sinal lhes será dado exceto o sinal de Jonas, que desapareceu vivo dentro da barriga do peixe, habitou ali vivo em sua barriga e emergiu vivo de novo para a luz. Mat. 12:39 Mas ele lhes respondeu: Uma geração má e adúltera pede um sinal; e nenhum sinal se lhe dará, senão o do profeta Jonas; Mat. 12:40 pois, como Jonas esteve três dias e três noites no ventre do grande peixe, assim estará o Filho do homem três dias e três noites no seio da terra. Mat. 16:4 Uma geração má e adúltera pede um sinal, e nenhum sinal lhe será dado, senão o de Jonas. E, deixando-os, retirou-se. TJ 18:6 E os deixou e partiu. O Fermento dos Fariseus TJ 18:7 Quando navegaram pelo mar e chegaram à outra praia, se esqueceram de levar com eles algum pão. Mat. 16:5 Quando os discípulos passaram para o outro lado, esqueceram-se de levar pão. TJ 18:8 Mas Jmmanuel disse à eles: Acautelai-vos e cuidado com o fermento dos Fariseus e Saduceus. Mat. 16:6 E Jesus lhes disse: Olhai, e acautelai-vos do fermento dos fariseus e dos saduceus. TJ 18:9 Eles falaram entre si e disseram: Isto deve se referir ao fato de não termos trazido pão ou outra coisa qualquer para comer. Mat. 16:7 Pelo que eles arrazoavam entre si, dizendo: É porque não trouxemos pão. TJ 18:10 Quando Jmmanuel ouviu isso ficou furioso e disse: Oh, vós de pouco conhecimento, por que vos preocupais de não ter pão? Mat. 16:8 E Jesus, percebendo isso, disse: Por que arrazoais entre vós por não terdes pão, homens de pouca fé? TJ 18:11 Não entendeis ainda, e não podeis imaginar o significado das minhas palavras? TJ 18:12 Sois vós de tão pouco saber e sem compreensão que não podeis reconhecer o significado? TJ 18:13 Não entendeis ainda, e não pretendeis entender para sempre? TJ 18:14 Não vos lembrais dos cinco pães e dos três peixes divididos entre os cinco mil e de quantos cestos economizastes então? Mat. 16:9 Não compreendeis ainda, nem vos lembrais dos cinco pães para os cinco mil, e de quantos cestos levantastes? TJ 18:15 Como não podeis entender que eu não estou vos falando a respeito do pão que comeis a cada dia? Mas eu vos digo: Acautelai-vos do fermento dos Fariseus e dos Saduceus. Mat. 16:11 Como não compreendeis que não nos falei a respeito de pães? Mas guardai-vos do fermento dos fariseus e dos saduceus. TJ 18:16 Então eles finalmente entenderam que ele não havia dito à eles para terem cuidado com o fermento do pão, mas dos falsos e adulterados ensinamentos dos escribas e Fariseus. Mat. 16:12 Então entenderam que não dissera que se guardassem, do fermento dos pães, mas da doutrina dos fariseus e dos saduceus. A Fé de Pedro TJ 18:17 Jmmanuel chegou à área de Cesaréia de Felipe e perguntou aos seus discípulos: O que diz o povo quem eu sou? 56

57 Mat. 16:13 Tendo Jesus chegado às regiões de Cesaréia de Felipe, interrogou os seus discípulos, dizendo: Quem dizem os homens ser o Filho do homem? (O suposto Mateus, falsificador da Verdade alterou as palavras do verso.) TJ 18:18 Eles disseram: Alguns dizem que tu és Jeremias ou um dos antigos profetas. Mat. 16:14 Responderam eles: Uns dizem que é João, o Batista; outros, Elias; outros, Jeremias, ou algum dos profetas. TJ 18:19 E ele disse à eles: Mas quem dizeis vós quem sou? Mat. 16:15 Mas vós, perguntou-lhes Jesus, quem dizeis que eu sou? TJ 18:20 Simão Pedro respondeu, dizendo: Tu és o Messias que foi profetizado, e um filho do deus vivo que é o regente espiritual das três linhagens humanas. Mat. 16:16 Respondeu-lhe Simão Pedro: Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo. TJ 18:21 Jmmanuel se enfureceu e respondeu, dizendo para ele: Oh, tu desafortunado, os meus ensinamentos não te revelaram isso, pois eu te instruí em verdade. Mat. 16:17 Disse-lhe Jesus: Bem-aventurado és tu, Simão Barjonas, porque não foi carne e sangue que to revelou, mas meu Pai, que está nos céus.(o suposto Mateus inventou este texto sem sentido e fora de contexto. Falsificador da verdade!!!) TJ 18:22 E também te digo: tu certamente és um discípulo fiel, mas o teu entendimento se compara ao de uma criança. TJ 18:23 És Pedro, e eu não posso edificar os meus ensinamentos sobre a tua rocha. Tu irás abrir os portais da incompreensão, de modo que o povo será tomado por tuas interpretações errôneas dos meus ensinamentos e irão seguí-los e viverão conforme os ensinamentos falsos. Mat. 16:18 Pois também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela; (O suposto Mateus trocou totalmente o sentido real da passagem!) TJ 18:24 Não posso te dar a chave para o reino espiritual, senão irás abrir falsas fechaduras e os portais errados com ela. Mat. 16:19 dar-te-ei as chaves do reino dos céus; o que ligares, pois, na terra será ligado nos céus, e o que desligares na terra será desligado nos céus. (Texto falso inventado pelo suposto Mateus. Fora da realidade que é o Talmud de Jmmanuel!) TJ 18:25 Eu não sou o filho de um regente espiritual das três linhagens humanas e, portanto, não sou o filho de deus; além disso, o único poder espiritual é a Criação e nunca um ser humano; portanto, livra-te destes ensinamentos errôneos e aprendes a verdade. TJ 18:26 Minha mãe é Maria, que verdadeiramente me concebeu através de um anjo guardião, um descendente de nossos ancestrais, que viajou até aqui dos confins do Universo, e meu pai terrestre é José, que atua apenas como meu guardião paternal. TJ 18:27 Então ele advertiu aos seus discípulos para que nunca contassem ou erroneamente considerassem tais coisas, e que a eles não lhes era permitido divulgar os ensinamentos confusos de Pedro. Mat. 16:20 Então ordenou aos discípulos que a ninguém dissessem que ele era o Cristo. (O suposto Mateus criou este texto falso!) A Proclamação da Paixão TJ 18:28 Daquele dia em diante Jmmanuel começou a dizer à seus discípulos que ele teria que ir para Jerusalém e sofrer muito por parte dos anciãos, escribas, e principais sacerdotes, pois ele não podia evitar, mas levar seus ensinamentos até eles. Mat. 16:21 Desde então começou Jesus Cristo a mostrar aos seus discípulos que era necessário que ele fosse a Jerusalém, que padecesse muitas coisas dos anciãos, dos principais sacerdotes, e dos escribas, que fosse morto, e que ao terceiro dia ressuscitasse. TJ 18:29 E Pedro, levando-o para um canto falou à ele com raiva: Que deus ou a Criação evite isso! Mat. 16:22 E Pedro, tomando-o à parte, começou a repreendê-lo, dizendo: Tenha Deus compaixão de ti, Senhor; isso de modo nenhum te acontecerá. TJ 18:30 Isso não pode te acontecer, porque eles te agarrarão, torturarão, e te matarão. 57

58 TJ 18:31 Mas ele virou-se à Pedro e disse: Afasta-te de mim, Satanás! Porque és uma perturbação, pois pensas não em termos espirituais mas humanos. Mat. 16:23 Ele, porém, voltando-se, disse a Pedro: Para trás de mim, Satanás, que me serves de escândalo; porque não estás pensando nas coisas que são de Deus, mas sim nas que são dos homens. (Atenção!!! Satanás é apenas uma palavra em aramáico que significa simplesmente adversário, opositor, oposto!!!) TJ 18:32 Simão Pedro, novamente deixas-me furioso e demonstras o teu pensamento ignorante. TJ 18:33 Em verdade, eu te digo: Devido a tua falta de entendimento, o mundo irá derramar muito sangue pois irás falsificar os meus ensinamentos e os espalharás erroneamente entre as pessoas. TJ 18: 34 Será tua a culpa pelas mortes de muitas pessoas, bem como pela origem de um falso nome para mim e pelo maligno insulto de chamar-me o filho de deus, e por chamar a deus a própria Criação. TJ 18:35 Mas estás ainda sob as graças de minha tão sofrida paciência, portanto, podes ainda ampliar mensurávelmente a tua irracionalidade. TJ 18:36 Então Jmmanuel disse aos seus discípulos: Aqueles que desejam seguir os meus ensinamentos deverão levar sobre si mesmos o fardo pela busca da verdade, da percepção e do entendimento. Mat. 16:24 Então disse Jesus aos seus discípulos: Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo, tome a sua cruz, e siga-me; TJ 18:37 Pois aqueles que vivem as suas vidas em verdade e conhecimento serão vitoriosos, mas aqueles que vivem as suas vidas em inverdade e ignorância perderão. Mat. 16:25 pois, quem quiser salvar a sua vida por amor de mim perdê-la-á; mas quem perder a sua vida por amor de mim, achá-la-á. (Texto Falso do suposto Mateus!) TJ 18:38 O que lhes lucraria então, se eles pudessem ganhar o mundo, e ainda assim causar danos à suas consciências? Mat. 16:26 Pois que aproveita ao homem se ganhar o mundo inteiro e perder a sua vida? ou que dará o homem em troca da sua vida? (Texto Falso do suposto Mateus!) TJ 18:39 Ou, como pode alguém ajudar o seu espírito se é incapaz de pensar? Mat. 16:27 Porque o Filho do homem há de vir na glória de seu Pai, com os seus anjos; e então retribuirá a cada um segundo as suas obras. (Texto Falso do suposto Mateus!) TJ 18:40 Em verdade, eu vos digo, há muitos aqui que não irão saborear o gosto do poder do conhecimento espiritual nesta vida e, portanto, irão aprender na próxima vida. Mat. 16:28 Em verdade vos digo, alguns dos que aqui estão de modo nenhum provarão a morte até que vejam vir o Filho do homem no seu reino. (Texto Falso do suposto Mateus!) TJ 18:41 O espírito humano é ignorante até que obtenha conhecimento através do raciocínio e da inquirição. TJ 18:42 O espírito de uma pessoa não é um produto humano, mas é parte da Criação, dado aos humanos. E deve ser tornado sábio e perfeito. TJ 18:43 De modo que prossiga em se tornar um com a Criação, já que a Criação, também vive em constante crescimento. TJ 18:44 A Criação é eterna, e assim também é o espírito humano. TJ 18:45 O ensino deste conhecimento é extenso e não é simples, mas é o caminho para a vida que é diversa em sua natureza. TJ 18:46 A vida humana é destinada à perfeição do espírito, de modo que a vida seja vivida para a realização disso. TJ 18:47 Mesmo quando os humanos se sobrecarregam com erros, eles agem de acordo com a lei da Criação, pois aprendem com eles a percepção e o conhecimento, por onde desenvolvem os seus espíritos, e através da força de seus espíritos são capazes de agir. TJ 18:48 Sem que se cometa erros é impossível, portanto, se reunir a lógica, a percepção, o conhecimento, o amor, e a sabedoria necessários para se desenvolver o espírito. TJ 18:49 Em verdade, eu vos digo: Os ensinamentos dos principais sacerdotes, dos Fariseus, e dos escribas são errôneos e falsos quando vos dizem que um erro deve ser punido por deus ou pela Criação quando, de fato, o erro serve à percepção e ao conhecimento, e daí ao progresso, do espírito. 58

59 TJ 18:50 Portanto, não existe erro punível, se ele serve para a percepção, ao conhecimento, e ao progresso do espírito; do mesmo modo, não existe erro que tenha sido herdado ou punição neste mundo ou em outro mundo. TJ 18:51 A punição de tal erro iria contradizer todas as leis da natureza e, portanto, todas as leis da Criação. TJ 18:52 Quando se comete um erro que serve à percepção, ao conhecimento, e ao progresso do espírito, não há punição, nem nesta vida e nem em outra vida subsequente. TJ 18:53 Portanto, os humanos vivem com a missão de aperfeiçoarem os seus espíritos e obterem percepção e conhecimento através dos erros, para que possam direcionar as vidas para as quais foram destinados. TJ 18:54 Os humanos, contudo, nem aprendem consistentemente nem de acordo com a grandeza de seus espíritos, que são guiados pelas leis da Criação e são introduzidos à situações que devem se suceder seqüencialmente, pois assim são destinados. Portanto, os humanos direcionam mal as suas consciências, seus pensamentos, sentimentos, e ações; se sobrecarregam com a culpa e expõem seus eus interiores aos ataques das forças externas. TJ 18:55 Deste modo, o poder das consciências dos outros afeta a vida do indivíduo, para melhor ou para pior. TJ 18:56 Porque os humanos desta época estão começando a raciocinar e a perceberem, eles estão necessitados dos ensinamentos. Portanto, os profetas foram enviados pelos filhos celestiais para ensinar à humanidade a respeito das verdadeiras leis da Criação e o conhecimento a respeito da vida. TJ 18:57 Mas o povo ainda é ignorante, e apegado às falsas leis dos principais sacerdotes e distorcedores das escrituras. Consequentemente, não reconhece os novos ensinamentos como verdade. TJ 18:58 Por falta de compreensão, o povo amaldiçoa a verdade que ainda há de vir; eles amaldiçoam, apedrejam, matam e crucificam os profetas. TJ 18:59 Mas já que os ensinamentos da verdade devem ser levados ao povo, os profetas tem que suportarem grandes fardos e sofrerem sob a maldição do povo. TJ 18:60 Assim como perseguiram muitos profetas, eles agora estão atrás de minha vida. TJ 18:61 A profecia do destino implacável diz que isso deverá se tornar realidade para mim, já que eu, um homem inocente, serei declarado culpado. TJ 18:62 Contudo, não irá acontecer que eu seja morto, mas estarei num estado de quase morte, eu serei considerado morto por três dias e três noites. Serei posto numa sepultura de pedra, para que os sinal de Jonas seja cumprido. TJ 18:63 Meus amigos da distante Índia, que são muito bem versados nas artes da cura, tomarão conta de mim e me ajudarão a fugir da sepultura no terceiro dia, para que então eu possa terminar minha missão entre os povos da Índia. TJ 18:64 E isso deve acontecer para que eu atinja uma certa percepção, amplie os meus conhecimentos e gere uma nova força em espírito e consciência. ATENÇÃO! TODOS OS TEXTOS ABAIXO Mat. 17:12 até Mat. 17:27 SÃO FALSOS! FORAM INVENTADOS PELO MENTIROSO SUPOSTAMENTE CHAMADO MATEUS!!!! NÃO EXISTEM NEM NUNCA EXISTIRAM NO TALMUD DE JMMANUEL. TRATAM-SE DE TEMAS QUE SÃO TOTALMENTE FORA DO CONTEXTO DA VERDADE QUE SIGNIFICA O TALMUD DE JMMANUEL Mat. 17:1 Seis dias depois, tomou Jesus consigo a Pedro, a Tiago e a João, irmão deste, e os conduziu à parte a um alto monte; Mat. 17:2 e foi transfigurado diante deles; o seu rosto resplandeceu como o sol, e as suas vestes tornaram-se brancas como a luz. Mat. 17:3 E eis que lhes apareceram Moisés e Elias, falando com ele. Mat. 17:4 Pedro, tomando a palavra, disse a Jesus: Senhor, bom é estarmos aqui; se queres, farei aqui três cabanas, uma para ti, outra para Moisés, e outra para Elias. 59

60 Mat. 17:5 Estando ele ainda a falar, eis que uma nuvem luminosa os cobriu; e dela saiu uma voz que dizia: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo; a ele ouvi. Mat. 17:6 Os discípulos, ouvindo isso, cairam com o rosto em terra, e ficaram grandemente atemorizados. Mat. 17:7 Chegou-se, pois, Jesus e, tocando-os, disse: Levantai-vos e não temais. Mat. 17:8 E, erguendo eles os olhos, não viram a ninguém senão a Jesus somente. Mat. 17:9 Enquanto desciam do monte, Jesus lhes ordenou: A ninguém conteis a visão, até que o Filho do homem seja levantado dentre os mortos. Mat. 17:10 Perguntaram-lhe os discípulos: Por que dizem então os escribas que é necessário que Elias venha primeiro? Mat. 17:11 Respondeu ele: Na verdade Elias havia de vir e restaurar todas as coisas; Mat. 17:12 digo-vos, porém, que Elias já veio, e não o reconheceram; mas fizeram-lhe tudo o que quiseram. Assim também o Filho do homem há de padecer às mãos deles. Mat. 17:13 Então entenderam os discípulos que lhes falava a respeito de João, o Batista. Mat. 17:14 Quando chegaram à multidão, aproximou-se de Jesus um homem que, ajoelhando-se diante dele, disse: Mat. 17:15 Senhor, tem compaixão de meu filho, porque é epiléptico e sofre muito; pois muitas vezes cai no fogo, e muitas vezes na água. Mat. 17:16 Eu o trouxe aos teus discípulos, e não o puderam curar. Mat. 17:17 E Jesus, respondendo, disse: ó geração incrédula e perversa! até quando estarei convosco? até quando vos sofrerei? Trazei-mo aqui. Mat. 17:18 Então Jesus repreendeu ao demônio, o qual saiu de menino, que desde aquela hora ficou curado. Mat. 17:19 Depois os discípulos, aproximando-se de Jesus em particular, perguntaram-lhe: Por que não pudemos nós expulsá-lo? Mat. 17:20 Disse-lhes ele: Por causa da vossa pouca fé; pois em verdade vos digo que, se tiverdes fé como um grão de mostarda direis a este monte: Passa daqui para acolá, e ele há de passar; e nada vos será impossível. Mat. 17:21 [mas esta casta de demônios não se expulsa senão à força de oração e de jejum.] Mat. 17:22 Ora, achando-se eles na Galiléia, disse-lhes Jesus: O Filho do homem está para ser entregue nas mãos dos homens; Mat. 17:23 e matá-lo-ão, e ao terceiro dia ressurgirá. E eles se entristeceram grandemente. Mat. 17:24 Tendo eles chegado a Cafarnaum, aproximaram-se de Pedro os que cobravam as didracmas, e lhe perguntaram: O vosso mestre não paga as didracmas? Mat. 17:25 Disse ele: Sim. Ao entrar Pedro em casa, Jesus se lhe antecipou, perguntando: Que te parece, Simão? De quem cobram os reis da terra imposto ou tributo? dos seus filhos, ou dos alheios? Mat. 17:26 Quando ele respondeu: Dos alheios, disse-lhe Jesus: Logo, são isentos os filhos. Mat. 17:27 Mas, para que não os escandalizemos, vai ao mar, lança o anzol, tira o primeiro peixe que subir e, abrindo-lhe a boca, encontrarás um estáter; toma-o, e dá-lho por mim e por ti. Capítulo 19 A Natureza do Pensamento de Uma Criança TJ 19:1 E aconteceu que os discípulos se dirigiram até Jmmanuel e perguntaram-lhe: Quem é o maior em espírito? Mat. 18:1 Naquela hora chegaram-se a Jesus os discípulos e perguntaram: Quem é o maior no reino dos céus? (Mentiras do suposto escriba Mateus: Reino do Céus, Pai, Deus, Anjos, Filho do Homem, Pecado!!! Tolices inventadas pelo suposto Mateus e pelos pseudo-sábios da igreja ou grupos religiosos fanáticos ortodoxos do passado!) TJ 19:2 Jmmanuel chamou uma criança até ele, e pôs a criança entre eles, Mat. 18:2 Jesus, chamando uma criança, colocou-a no meio deles, 60

61 TJ 19:3 e falou: Em verdade, eu vos digo: a não ser que vos mudeis e vos torneis como esta criança, não vos tornareis grandes em espírito. Mat. 18:3 e disse: Em verdade vos digo que se não vos converterdes e não vos fizerdes como crianças, de modo algum entrareis no reino dos céus (Mentiras do suposto Mateus!!!) TJ 19:4 Aqueles que procuram, buscam, e encontram e reúnem percepção e tem sede pelo conhecimento como esta criança serão grandes em espírito. Mat. 18:4 Portanto, quem se tornar humilde como esta criança, esse é o maior no reino dos céus. (Mentiras do suposto Mateus: Reino do Céus, Pai, Deus, Anjos, Filho do Homem, Pecado!!! e pelos pseudo-sábios da igreja!) TJ 19:5 Aqueles que procuram, buscam, e encontram como tal criança irão sempre alcançar seu maior potencial dentro de si mesmos. Mat. 18:5 E qualquer que receber em meu nome uma criança tal como esta, a mim me recebe. TJ 19:6 Mas qualquer um que não ouça esta verdade e abraça ensinamentos errôneos, e nem procura e nem acha, será melhor ter uma pedra de moinho amarrada em torno do pescoço e ser afogado na parte mais profunda do mar. Mat. 18:6 Mas qualquer que fizer tropeçar um destes pequeninos que crêem em mim, melhor lhe fora que se lhe pendurasse ao pescoço uma pedra de moinho, e se submergisse na profundeza do mar. (Falsificador da verdade, alterou o texto original!) TJ 19:7 Em verdade, não há sentido na vida e nem há realização de seu significado sem que se procure, busque e encontre. TJ 19:8 Seria melhor expulsar aqueles a quem lhes faltam compreensão da companhia dos verdadeiros buscadores da verdade e daqueles que procuram pela verdadeira vida, para que então não impeçam aqueles que desejam buscar a verdade. TJ 19:9 Os irracionais certamente irão desejar dar atenção as leis da Criação em suas vidas após a expulsão. TJ 19:10 Ai do mundo por causa das desordens, pois desordens devem partir dos desordeiros; mas ai daqueles que causam a desordem. Mat. 18:7 Ai do mundo, por causa dos tropeços! pois é inevitável que venham; mas ai do homem por quem o tropeço vier! TJ 19:11 Não vos perturbeis se vossa mão ou pé vos aborrece e cai. É melhor perder um membro e crescer em espírito do que ter duas mãos e dois pés e uma consciência que permanece pequena, ou mesmo se desgasta. Mat. 18:8 Se, pois, a tua mão ou o teu pé te fizer tropeçar, corta-o, lança-o de ti; melhor te é entrar na vida aleijado, ou coxo, do que, tendo duas mãos ou dois pés, ser lançado no fogo eterno. TJ 19:12 Não vos perturbeis se um olho vos causa aborrecimento e fica cego. É melhor para vós enxergar as leis da Criação no poder de vosso espírito e consciência do que ter dois olhos e ainda assim ser espiritualmente cego em consciência. Mat. 18:9 E, se teu olho te fizer tropeçar, arranca-o, e lança-o de ti; melhor te é entrar na vida com um só olho, do que tendo dois olhos, ser lançado no inferno de fogo. (Mentiras do suposto autor Mateus: Reino do Céus, Pai, Deus, Anjos, Filho do Homem, Pecado, diabo, inferno, etc... tolices inventadas pelo suposto Mateus e pelos pseudo-sábios da igreja!) TJ 19:13 Cuidai para que não sejais um daqueles que é saudável de corpo mas é doente e carente em consciência. Mat. 18:10 Vede, não desprezeis a nenhum destes pequeninos; pois eu vos digo que os seus anjos nos céus sempre vêm a face de meu Pai, que está nos céus. TJ 19:14 Procurai pelo significado e a verdade em meus ensinamentos. Pois já que sou humano assim como vós, eu também, tenho que procurar e perceber. Mat. 18:11 Porque o Filho do homem veio salvar o que se havia perdido. (Mentiras do suposto Mateus: Reino do Céus, Pai, Deus, Anjos, Filho do Homem, Pecado!!!) TJ 19:15 Pois já que sou humano assim como vós sois e reuni meus conhecimentos, vós também sois capazes de aprender, procurar, perceber e conhecer; assim fazendo podeis vos apegar e observar as leis da Criação. 61

62 ATENÇÃO!!! TODOS OS TEXTOS ABAIXO Mat. 18:12 até Mat. 18:35 FORAM INVENTADOS PELO MENTIROSO SUPOSTAMENTE CHAMADO MATEUS!!!! NÃO EXISTEM NEM NUNCA EXISTIRAM NO TALMUD DE JMMANUEL. TRATAM-SE DE TEMAS QUE SÃO TOTALMENTE FORA DO CONTEXTO DA VERDADE QUE SIGNIFICA O TALMUD DE JMMANUEL. TEXTOS FALSOS! Mat. 18:12 Que vos parece? Se alguém tiver cem ovelhas, e uma delas se extraviar, não deixará as noventa e nove nos montes para ir buscar a que se extraviou? Mat. 18:13 E, se acontecer achá-la, em verdade vos digo que maior prazer tem por esta do que pelas noventa e nove que não se extraviaram. Mat. 18:14 Assim também não é da vontade de vosso Pai que está nos céus, que venha a perecer um só destes pequeninos. Mat. 18:15 Ora, se teu irmão pecar, vai, e repreende-o entre ti e ele só; se te ouvir, terás ganho teu irmão; Mat. 18:16 mas se não te ouvir, leva ainda contigo um ou dois, para que pela boca de duas ou três testemunhas toda palavra seja confirmada. Mat. 18:17 Se recusar ouvi-los, dize-o à igreja; e, se também recusar ouvir a igreja, considera-o como gentio e publicano. Mat. 18:18 Em verdade vos digo: Tudo quanto ligardes na terra será ligado no céu; e tudo quanto desligardes na terra será desligado no céu. Mat. 18:19 Ainda vos digo mais: Se dois de vós na terra concordarem acerca de qualquer coisa que pedirem, isso lhes será feito por meu Pai, que está nos céus. Mat. 18:20 Pois onde se acham dois ou três reunidos em meu nome, aí estou eu no meio deles. Mat. 18:21 Então Pedro, aproximando-se dele, lhe perguntou: Senhor, até quantas vezes pecará meu irmão contra mim, e eu hei de perdoar? Até sete? Mat. 18:22 Respondeu-lhe Jesus: Não te digo que até sete; mas até setenta vezes sete. Mat. 18:23 Por isso o reino dos céus é comparado a um rei que quis tomar contas a seus servos; Mat. 18:24 e, tendo começado a tomá-las, foi-lhe apresentado um que lhe devia dez mil talentos; Mat. 18:25 mas não tendo ele com que pagar, ordenou seu senhor que fossem vendidos, ele, sua mulher, seus filhos, e tudo o que tinha, e que se pagasse a dívida. Mat. 18:26 Então aquele servo, prostrando-se, o reverenciava, dizendo: Senhor, tem paciência comigo, que tudo te pagarei. Mat. 18:27 O senhor daquele servo, pois, movido de compaixão, soltou-o, e perdoou-lhe a dívida. Mat. 18:28 Saindo, porém, aquele servo, encontrou um dos seus conservos, que lhe devia cem denários; e, segurando-o, o sufocava, dizendo: Paga o que me deves. Mat. 18:29 Então o seu companheiro, caindo-lhe aos pés, rogava-lhe, dizendo: Tem paciência comigo, que te pagarei. Mat. 18:30 Ele, porém, não quis; antes foi encerrá-lo na prisão, até que pagasse a dívida. Mat. 18:31 Vendo, pois, os seus conservos o que acontecera, contristaram-se grandemente, e foram revelar tudo isso ao seu senhor. Mat. 18:32 Então o seu senhor, chamando-o á sua presença, disse-lhe: Servo malvado, perdoei-te toda aquela dívida, porque me suplicaste; Mat. 18:33 não devias tu também ter compaixão do teu companheiro, assim como eu tive compaixão de ti? Mat. 18:34 E, indignado, o seu senhor o entregou aos verdugos, até que pagasse tudo o que lhe devia. Mat. 18:35 Assim vos fará meu Pai celestial, se de coração não perdoardes, cada um a seu irmão. Os Erros de Teu Próximo TJ 19:16 Se o teu próximo erra e abraça um ensinamento falsificado, vai e revelas o seu erro em particular. TJ 19:17 Se ele te der ouvidos, tu terás ganho o teu próximo. 62

63 63 TJ 19:18 Se o teu próximo não te der ouvidos e continuar a ser escravizado pela falta de compreensão, deixas esta pessoa para lá, pois ela não é digna de teu ensinamento, uma vez que fizeste tudo o que te foi possível. TJ 19:19 É melhor deixar uma pessoa irracional seguir pelo caminho da miséria do que levar a confusão a sua própria consciência. TJ 19:20 Em verdade, eu vos digo, os céus se desmoronarão antes que se possa ensinar a razão á uma pessoa irracional; portanto, acautelai-vos de tais pessoas. TJ 19:21 Semeai as sementes da sabedoria em solo fértil, onde elas podem germinar, TJ 19:22 pois somente as sementes que germinarem darão bons frutos. Capítulo 20 Casamento, Divórcio, e Celibato TJ 20:1 E aconteceu que após Jmmanuel ter concluído estas conversas, ele partiu da Galiléia e entrou nas terras da Judéia, além do Jordão. Mat. 19:1 Tendo Jesus concluído estas palavras, partiu da Galiléia, e foi para os confins da Judéia, além do Jordão; TJ 20:2 Muitas pessoas o seguiram, e ali, ele curou os doentes. Mat. 19:2 e seguiram-no grandes multidões, e curou-os ali. TJ 20:3 Os Fariseus aproximaram-se dele e o tentaram perguntando: É lícito para o homem divorciar-se de sua esposa sob qualquer pretexto? Mat. 19:3 Aproximaram-se dele alguns fariseus que o experimentavam, dizendo: É lícito ao homem repudiar sua mulher por qualquer motivo? TJ 20:4 Ele respondeu, dizendo: Em verdade, eu vos digo: as estrelas logo cairão do céu antes que seja permitido o divórcio. Mat. 19:4 Respondeu-lhe Jesus: Não tendes lido que o Criador os fez desde o princípio homem e mulher, TJ 20:5 Em verdade, uma pessoa deixará pai e mãe pelo bem do casamento, e se apegará à sua esposa, de modo a se tornarem uma só carne e um só sangue. Mat. 19:5 e que ordenou: Por isso deixará o homem pai e mãe, e unir-se-á a sua mulher; e serão os dois uma só carne? TJ 20:6 De maneira que agora eles não mais sejam dois, mas uma só carne e sangue, que é exclusivamente deles. Mat. 19:6 Assim já não são mais dois, mas um só carne. Portanto o que Deus ajuntou, não o separe o homem. TJ 20:7 De uma só carne e sangue eles gerarão filhos que, de novo, são a mesma carne e sangue de seus pais e mães. TJ 20:8 O que desta maneira foi unido nenhum homem pode separar, porque é contra as leis da natureza. TJ 20:9 Então eles perguntaram: Por que Moisés mandou que um decreto de anulação fosse emitido em caso de divórcio? Mat. 19:7 Responderam-lhe: Então por que mandou Moisés dar-lhe carta de divórcio e repudiá-la? TJ 20:10 E ele falou à eles: Moisés deu-vos permissão para divorciar por causa da dureza de vossos corações e seu domínio sobre vós. Mas este não é o caso desde o começo da humanidade, pois Moisés quebrou a lei nesta instância. Mat. 19:8 Disse-lhes ele: Pela dureza de vossos corações Moisés vos permitiu repudiar vossas mulheres; mas não foi assim desde o princípio. TJ 20:11 Mas eu vos digo, quem quer que se divorcie, exceto no caso de fornicação ou outras transgressões estipuladas, e se casa com outro alguém, comete adultério. Mat. 19:9 Eu vos digo porém, que qualquer que repudiar sua mulher, a não ser por causa de infidelidade, e casar com outra, comete adultério; [e o que casar com a repudiada também comete adultério.]

64 TJ 20:12 E os discípulos disseram à ele: Se é deste modo, é entre um homem e sua esposa, então não é bom se casar. Mat. 19:10 Disseram-lhe os discípulos: Se tal é a condição do homem relativamente à mulher, não convém casar. TJ 20:13 Mas ele lhes falou: Nem todos compreendem esta mensagem, exceto aqueles à quem ela lhes é dada. Mat. 19:11 Ele, porém, lhes disse: Nem todos podem aceitar esta palavra, mas somente aqueles a quem é dado. TJ 20:14 Alguns não entram em casamento porque desde o nascimento são incapazes disso; alguns não entram em casamento porque outras pessoas as tornaram inadequadas para isso; e ainda outras não entram em casamento porque o renunciam pelo bem de seu vigor espiritual. Mat. 19:12 Porque há eunucos que nasceram assim; e há eunucos que pelos homens foram feitos tais; e outros há que a si mesmos se fizeram eunucos por causa do reino dos céus. Quem pode aceitar isso, aceite-o. (O suposto Mateus falsificou a verdade!!!) TJ 20:15 Aqueles que puderem entender assim, que assim seja entendido. Abençoando as Crianças TJ 20:16 Então foram-lhe trazidas crianças, para que ele pudesse pôr as suas mãos sobre elas e abençoá-las, mas os discípulos as repreendiam. Mat. 19:13 Então lhe trouxeram algumas crianças para que lhes impusesse as mãos, e orasse; mas os discípulos os repreenderam. TJ 20:17 Mas Jmmanuel falou: Deixai as crianças e não as impeçais de virem até mim, porque elas são as ouvintes mais atenciosas, e delas é o reino da sabedoria. Mat. 19:14 Jesus, porém, disse: Deixai as crianças e não as impeçais de virem a mim, porque de tais é o reino dos céus. TJ 20:18 E ele pôs as suas mãos sobre elas e disse: Aprendei o conhecimento e a sabedoria para que vos torneis espiritualmente perfeitos, e verdadeiros seguidores da lei. Mat. 19:15 E, depois de lhes impor as mãos, partiu dali. (Texto incompleto, falso!) ATENÇÃO!!! TODOS OS TEXTOS ABAIXO Mat. 19:16 até Mat. 19:30 FORAM INVENTADOS PELO FARISEU SUPOSTAMENTE CHAMADO MATEUS!!!! NÃO EXISTEM NEM NUNCA EXISTIRAM NO TALMUD DE JMMANUEL. TRATAM-SE DE TEMAS QUE SÃO TOTALMENTE FORA DO CONTEXTO DA VERDADE QUE SIGNIFICA O TALMUD DE JMMANUEL. TEXTOS FALSOS! Mat. 19:16 E eis que se aproximou dele um jovem, e lhe disse: Mestre, que bem farei para conseguir a vida eterna? Mat. 19:17 Respondeu-lhe ele: Por que me perguntas sobre o que é bom? Um só é bom; mas se é que queres entrar na vida, guarda os mandamentos. Mat. 19:18 Perguntou-lhe ele: Quais? Respondeu Jesus: Não matarás; não adulterarás; não furtarás; não dirás falso testemunho; Mat. 19:19 honra a teu pai e a tua mãe; e amarás o teu próximo como a ti mesmo. Mat. 19:20 Disse-lhe o jovem: Tudo isso tenho guardado; que me falta ainda? Mat. 19:21 Disse-lhe Jesus: Se queres ser perfeito, vai, vende tudo o que tens e dá-o aos pobres, e terás um tesouro no céu; e vem, segue-me. Mat. 19:22 Mas o jovem, ouvindo essa palavra, retirou-se triste; porque possuía muitos bens. Mat. 19:23 Disse então Jesus aos seus discípulos: Em verdade vos digo que um rico dificilmente entrará no reino dos céus. Mat. 19:24 E outra vez vos digo que é mais fácil um camelo passar pelo fundo duma agulha, do que entrar um rico no reino de Deus. Mat. 19:25 Quando os seus discípulos ouviram isso, ficaram grandemente maravilhados, e perguntaram: Quem pode, então, ser salvo? 64

65 Mat. 19:26 Jesus, fixando neles o olhar, respondeu: Aos homens é isso impossível, mas a Deus tudo é possível. Mat. 19:27 Então Pedro, tomando a palavra, disse-lhe: Eis que nós deixamos tudo, e te seguimos; que recompensa, pois, teremos nós? Mat. 19:28 Ao que lhe disse Jesus: Em verdade vos digo a vós que me seguistes, que na regeneração, quando o Filho do homem se assentar no trono da sua glória, sentar-vos-eis também vós sobre doze tronos, para julgar as doze tribos de Israel. Mat. 19:29 E todo o que tiver deixado casas, ou irmãos, ou irmãs, ou pai, ou mãe, ou filhos, ou terras, por amor do meu nome, receberá cem vezes tanto, e herdará a vida eterna. Mat. 19:30 Entretanto, muitos que são primeiros serão últimos; e muitos que são últimos serão primeiros. TJ 20:19 Em verdade, eu vos digo: assim como sou chamado de Jmmanuel, que significa aquele com o conhecimento de deus, vós também, devereis ter este nome quando entenderem a sabedoria do conhecimento. TJ 20:20 E para os seus discípulos ele disse: Em verdade, em verdade, eu vos digo, buscai o conhecimento e reconhecei a verdade, para que vos torneis sábios. TJ 20:21 Sendo chamado aquele com o conhecimento de deus indica que eu estou acima dos reis e dos imperadores; portanto, também diz que a sabedoria está entre nós. TJ 20:22 Então, eu sou o rei da sabedoria entre os humanos da Terra, assim como deus é o rei da sabedoria entre os filhos dos céus que, junto com deus, são os criadores das três linhagens humanas. TJ 20:23 E como eu nasci de uma mulher da Terra e falo a sua língua, eu sou chamado Jmmanuel, assim como deus em sua língua é chamado deus, que também significa rei da sabedoria, e ele é geralmente um regente sobre a população humana e senhor de um povo. TJ 20:24 Buscai e entendei o significado dos meus discursos, para que não tenhais a audácia de me chamar de o filho de deus ou o filho da Criação, ou designar à mim o poder da Criação, ou insultarme chamando-me de senhor do bem e do mal. TJ 20:25 Observai as pequenas crianças, elas não são como vós; elas confiam na verdade e na sabedoria dos meus discursos, e portanto, a sabedoria deverá pertencer à elas, Então, por que as afastais? TJ 20:26 E ele pôs as suas mãos sobre elas e partiu dali. TJ 20:27 Enquanto caminhavam, Pedro disse à ele: Vês, nós abandonamos tudo para te seguir; o que vamos obter em retorno? TJ 20:28 Mas Jmmanuel falou para eles: Em verdade, eu vos digo, alguns de vós que me seguis abraçareis a sabedoria de meus ensinamentos, então vós sereis espiritualmente grandes nas reencarnações que virão. Mas alguns de vós não ireis reconhecer a sabedoria de meus ensinamentos e ireis disseminar ensinamentos errados sobre mim. Estes terão dificuldades em encontrar a verdade em encarnações futuras. TJ 20:29 Assim será entre todos os humanos da Terra por toda a parte, de leste a oeste, e de norte a sul. TJ 20:30 Meus benéficos ensinamentos serão levados à muitos, mas eles não o reconhecerão. TJ 20:31 Muitos seguirão ensinamentos errôneos sobre mim e, portanto, não encontrarão a verdade, porque me confundem com deus ou seu filho, ou talvez mesmo como sendo o filho da Criação. TJ 20:32 Falarão grandes palavras e insistirão que somente eles é que sabem a verdade, porque terão caído como presas de um erro maligno e assim seguirão ensinamentos malignos e falsificados. TJ 20:33 Muitos serão os primeiros entre as pessoas, porque pensarão como humanos em seus ensinamentos enganosos, Mas serão os últimos em conhecimento espiritual, e pequenos em sua sabedoria. TJ 20:34 A sabedoria existirá somente onde o conhecimento sobre a verdade der frutos, e onde as leis da Criação sejam seguidas e respeitadas. 65

66 66 Capítulo 21 As Duas Pessoas Cegas TJ 21:1 Quando partiram a caminho rumo à Jericó, muitas pessoas o seguiram. TJ 21:2 E, vede! Duas pessoas cegas sentaram-se à beira do caminho; e quando ouviram Jmmanuel passando, elas gritaram, dizendo: Oh, Senhor, filho de um filho celestial, tenhas misericórdia de nós! TJ 21:3 O povo as ameaçavam para que ficassem quietas, mas elas gritavam ainda mais alto, dizendo: Oh, Senhor, filho de um filho celestial, tenhas misericórdia de nós! TJ 21:4 E Jmmanuel parou e as chamou, perguntando: O que quereis que eu faça por vós? TJ 21:5 Elas disseram para ele: Senhor, abri os nossos olhos para que possamos olhar o esplendor do mundo. TJ 21:6 E ele teve pena delas e perguntou: Que poder, vós suponhais, é esse, que pode vos fazer enxergar? TJ 21:7 Mas elas responderam: O poder da Criação, que está nas leis. TJ 21:8 Jmmanuel surpreendeu-se e disse: Em verdade, eu não encontrei até agora tamanha fé e conhecimento dentre este povo. Que seja feito como vós esperais. TJ 21:9 E ele tocou nos olhos delas e imediatamente elas puderam enxergar; e elas o seguiram. TJ 21:10 Enquanto estavam à caminho, Jmmanuel ensinava as pessoas com sinceridade e dizia: TJ 21:11 Em verdade, em verdade, eu vos digo: Sois inteligentes e compreendeis e abraçais a sabedoria, e se pratiqueis verdadeiramente o amor e não duvideis, não apenas fareis tais coisas com os olhos fechados, mas quando disserdes à uma figueira: Seca! Ela irá secar. Ou quando disserdes à uma montanha: Ergue-te e atira-te no mar! Assim acontecerá. TJ 21:12 Sejais inteligentes em verdade e sabedoria para que vosso espírito e vossa consciência se tornem poderosos. TJ 21:13 E quando sois inteligentes e viveis na verdade da sabedoria, vosso espírito e vossa consciência serão preenchidos com poder infinitos. TJ 21:14 Então tudo o que vós ordenardes ou pedirdes em oração, recebereis se confiardes. TJ 21:15 Não suponhais, contudo, que a oração seja necessária, porque recebereis também sem oração, se o vosso espírito e a vossa consciência forem treinados através da sabedoria. TJ 21:16 Não vos enganeis ouvindo os ensinamentos falsificados que dizem que uma pessoa possui um desejo pré determinado, pois esta crença é errada. TJ 21:17 Saibam: Qualquer coisa que uma pessoa deseja realizar, ela deve primeiro criar o desejo para assim realizar, porque esta é a lei da natureza. TJ 21:18 Portanto, a pessoa determina o curso de sua vida, conhecida como destino. TJ 21:19 Mas é um fato que deve-se adquirir conhecimento e aprender a verdade de modo a criar um desejo que seja imbuído com as leis. TJ 21:20 Considerai à vós mesmos como pessoas que vivem de modo a aprender e aperfeiçoar o espírito, TJ 21:21 porque nascestes com a tarefa de vos tornardes perfeitos em espírito TJ 21:22 Não presteis atenção no futuro quando os ensinamentos errôneos ensinarem divulgando que os humanos devem primeiro aperfeiçoarem a si mesmos em espírito porque caíram da Criação. TJ 21:23 Acautelai-vos desses falsos ensinamentos, porque são errôneos até o último ponto de um i. TJ 21:24 Em verdade, em verdade, eu vos digo: Os humanos nunca foram perfeitos em espírito e, portanto, nunca caíram da Criação. TJ 21:25 O espírito de cada pessoa é criado especificamente para a tarefa de aperfeiçoar a si mesmo e obter sabedoria. TJ 21:26 Assim é para se tornar um com a Criação, como foi destinado pelas leis, onde a Criação cresce e expande a si mesma, e assim aperfeiçoa a si mesma. TJ 21:27 E como o espírito dentro da pessoa é uma unidade, assim também a Criação é uma unidade em si mesma, e não existe nenhum outro poder além dela.

67 TJ 21:28 Em si mesma, a Criação é puro espírito e, portanto, poder infinito, porque é una em si mesma, e nada existe fora dela. TJ 21:29 Portanto, cuidado com os falsos e adulterados ensinamentos do futuro que irão me insultar quando me chamarem de Filho da Criação ou o Filho de Deus. TJ 21:30 Desses falsos ensinamentos, mentiras serão inventadas, e por causa delas o mundo irá sofrer muita privação e miséria. TJ 21:31 Não presteis atenção aos futuros ensinamentos errôneos que se esforçarão em combinar o espírito e a Criação e eu num só, criando daí uma entidade trina, que por sua vez deve ser de novo uma unidade. TJ 21:32 Acautelai-vos desses falsos e adulterados ensinamentos do futuro, porque uma trindade é impossível de acordo com as leis lógicas da Criação. TJ 21:33 Em verdade, eu vos digo, os príncipes subjugam o seu povo, e os poderosos usam de violência contra eles; igualmente, as seitas religiosas vindouras utilizarão de violência, quando adulterarem os meus ensinamentos e os disseminarem. TJ 21:34 Portanto, cuidado com eles e não permitais que vós mesmos sejais forçados a carregardes o jugo desses falsos ensinamentos. TJ 21:35 Mas isso não acontecerá para vós; pelo contrário, deveis ser grandes e aprenderdes e ensinardes a verdade. TJ 21:36 Assim com eu vim ensinar a verdade e o conhecimento entre vós, assim também vós deveis seguir ensinando, de modo que a verdade possa verdadeiramente prevalecer. Capítulo 22 Entrada em Jerusalém TJ 22:1 E quando se aproximarem de Jerusalém em Betfagé, próximo ao Monte das Oliveiras, Jmmanuel enviou dois de seus discípulos e disse-lhes: Mat. 21:1 Quando se aproximaram de Jerusalém, e chegaram a Betfagé, ao Monte das Oliveiras, enviou Jesus dois discípulos, dizendo-lhes: TJ 22:2 Ide à aldeia que está defronte de vós, e logo encontrareis uma jumenta amarrada á um poste e um jumentinho com ela; desamarrai-a e trazei-a para mim, porque ela é um presente para mim e está apenas sendo guardada ali temporariamente no estábulo. Mat. 21:2 Ide à aldeia que está defronte de vós, e logo encontrareis uma jumenta presa, e um jumentinho com ela; desprendei-a, e trazei-mos. TJ 22:3 E se alguém vos perguntar alguma coisa, direis: Jmmanuel de Nazaré precisa dela; e logo ele vos deixará pegá-la. Mat. 21:3 E, se alguém vos disser alguma coisa, respondei: O Senhor precisa deles; e logo os enviará. Mat. 21:4 Ora, isso aconteceu para que se cumprisse o que foi dito pelo profeta: Mat. 21:5 Dizei à filha de Sião: Eis que aí te vem o teu Rei, manso e montado em um jumento, em um jumentinho, cria de animal de carga. TJ 22:4 Os discípulos foram até lá e fizeram como Jmmanuel havia lhes dito. Mat. 21:6 Indo, pois, os discípulos e fazendo como Jesus lhes ordenara, TJ 22:5 Eles trouxeram a jumenta e o jumentinho, e puseram suas vestimentas sobre o animal, e ele montou nela. Mat. 21:7 trouxeram a jumenta e o jumentinho, e sobre eles puseram os seus mantos, e Jesus montou. TJ 22:6 Quando o povo ouviu que Jmmanuel, o rei da sabedoria, estava chegando, estenderam suas vestes pelo caminho. Outros cortaram ramos das árvores e os espalharam pelo caminho. Mat. 21:8 E a maior parte da multidão estendeu os seus mantos pelo caminho; e outros cortavam ramos de árvores, e os espalhavam pelo caminho. TJ 22:7 E as pessoas que seguiam adiante dele e aqueles que o seguiam gritavam, e diziam: Viva o descendente de Davi. Glória à ele que vem proclamar de novo os ensinamentos da verdade. 67

68 Mat. 21:9 E as multidões, tanto as que o precediam como as que o seguiam, clamavam, dizendo: Hosana ao Filho de Davi! bendito o que vem em nome do Senhor! Hosana nas alturas! (Texto alterado!) TJ 22:8 E quando eles entraram em Jerusalém, toda a cidade se alvoroçou e perguntavam: Quem é este que está chegando? Mat. 21:10 Ao entrar ele em Jerusalém, agitou-se a cidade toda e perguntava: Quem é este? TJ 22:9 E o povo respondia: É Jmmanuel, o profeta de Nazaré na Galiléia, que traz de novo os ensinamentos da verdade. Mat. 21:11 E as multidões respondiam: Este é o profeta Jesus, de Nazaré da Galiléia. Limpando o Templo TJ 22:10 E Jmmanuel entrou no templo em Jerusalém e ficou furioso quando viu que os comerciantes, vendedores, mercadores de pombas, e cambistas haviam se estabelecido ali. Mat. 21:12 Então Jesus entrou no templo, expulsou todos os que ali vendiam e compravam, e derribou as mesas dos cambistas e as cadeiras dos que vendiam pombas; TJ 22:11 Jmmanuel estava muito nervoso e disse à eles: Está escrito: O templo é para ser um local de ensino e um lugar para a contemplação. Mas vós o tendes convertido num covil de ladrões. Mat. 21:13 e disse-lhes: Está escrito: A minha casa será chamada casa de oração; vós, porém, a fazeis covil de salteadores. TJ 22:12 Em sua ira ele virou as mesas dos cambistas, as cadeiras dos mercadores de pombas, e ele os expulsou dali com o chicote de guiar jumentos. TJ 22:13 E os cegos e os coxos vieram até ele no templo e ele os curou à todos. Mat. 21:14 E chegaram-se a ele no templo cegos e coxos, e ele os curou. TJ 22:14 Mas quando os principais sacerdotes e os escribas viram os grandes feitos que ele estava realizando, e o povo quando gritava no templo, dizendo: Viva o descendente de Davi! Eles ficaram indignados. Mat. 21:15 Vendo, porém, os principais sacerdotes e os escribas as maravilhas que ele fizera, e os meninos que clamavam no templo: Hosana ao Filho de Davi, indignaram-se, TJ 22:15 Quando eles lhe perguntaram: Ouves o que estas pessoas estão dizendo? Jmmanuel disse à eles: Estais com tanto medo da verdade que ela vos enfurece? TJ 22:16. E ele os deixou ali e partiu da cidade, para Betânia, onde ele passou a noite. Mat. 21:16 e perguntaram-lhe: Ouves o que estes estão dizendo? Respondeu-lhes Jesus: Sim; nunca lestes: Da boca de pequeninos e de criancinhas de peito tiraste perfeito louvor? (Invenção de um Fariseu, falsificador da verdade supostamente chamado Mateus!) ATENÇÃO!!! TODOS OS TEXTOS ABAIXO Mat. 21:17 até Mat. 21:22 SÃO FALSOS FORAM INVENTADOS PELO MENTIROSO SUPOSTAMENTE CHAMADO MATEUS!!!! NÃO EXISTEM NEM NUNCA EXISTIRAM NO TALMUD DE JMMANUEL. TRATAM-SE DE TEMAS QUE SÃO TOTALMENTE FORA DO CONTEXTO DA VERDADE QUE SIGNIFICA O TALMUD DE JMMANUEL. TEXTOS FALSOS! Mat. 21:17 E deixando-os, saiu da cidade para Betânia, e ali passou a noite. Mat. 21:18 Ora, de manhã, ao voltar à cidade, teve fome; Mat. 21:19 e, avistando uma figueira à beira do caminho, dela se aproximou, e não achou nela senão folhas somente; e disse-lhe: Nunca mais nasça fruto de ti. E a figueira secou imediatamente. Mat. 21:20 Quando os discípulos viram isso, perguntaram admirados: Como é que imediatamente secou a figueira? Mat. 21:21 Jesus, porém, respondeu-lhes: Em verdade vos digo que, se tiverdes fé e não duvidardes, não só fareis o que foi feito à figueira, mas até, se a este monte disserdes: Ergue-te e lança-te no mar, isso será feito; Mat. 21:22 e tudo o que pedirdes na oração, crendo, recebereis. 68

69 69 De Volta à Jerusalém TJ 22:17 E quando Jmmanuel retornou ao templo e ensinou, os principais sacerdotes, escribas, e os anciãos do povo se dirigiram até ele e perguntaram: Por qual autoridade estás a fazer estas coisas, e quem te deu a autorização? Mat. 21:23 Tendo Jesus entrado no templo, e estando a ensinar, aproximaram-se dele os principais sacerdotes e os anciãos do povo, e perguntaram: Com que autoridade fazes tu estas coisas? e quem te deu tal autoridade? TJ 22:18 Mas Jmmanuel respondeu-lhes: Eu também quero vos fazer uma pergunta, e se a responderdes, eu vos direi com a autoridade de quem eu estou a fazer tudo isto. Mat. 22:24 Respondeu-lhes Jesus: Eu também vos perguntarei uma coisa; se ma disserdes, eu de igual modo vos direi com que autoridade faço estas coisas. TJ 22:19 De onde veio o batismo de João? Da Criação ou do homem? Mat. 21:25 O batismo de João, donde era? do céu ou dos homens? Ao que eles arrazoavam entre si: Se dissermos: Do céu, ele nos dirá: Então por que não o crestes? TJ 22:20 Eles pensaram na pergunta e conversaram entre eles: Se dissermos que foi através da Criação, então ele responderá: Por que não confiais nela, e por que não seguis às suas leis? TJ 22:21 Mas se dissermos que foi através do homem, então devemos temer o povo, porque eles consideram João um profeta. Mat. 21:26 Mas, se dissermos: Dos homens, tememos o povo; porque todos consideram João como profeta. TJ 22:22 E então eles responderam à Jmmanuel, dizendo: Nós não sabemos. Mat. 21:27 Responderam, pois, a Jesus: Não sabemos. Disse-lhe ele: Nem eu vos digo com que autoridade faço estas coisas. TJ 22:23 Nisso, ele respondeu à eles: Raça de cobras e víboras; nem eu vos direi por qual autoridade eu atuo. TJ 22:24 Mas o que pensais? Um homem tinha dois filhos e foi ao primeiro e disse: Meu filho, vai e trabalha hoje na vinha. Mat. 21:28 Mas que vos parece? Um homem tinha dois filhos, e, chegando-se ao primeiro, disse: Filho, vai trabalhar hoje na vinha. TJ 22:25 Ele respondeu-lhe, dizendo: Sim pai, eu irei. Mas assim mesmo ele não foi. Mat. 21:29 Ele respondeu: Sim, senhor; mas não foi. TJ 22:26 Então ele se dirigiu ao outro filho e disse: Meu filho, vai e trabalha hoje na vinha. Mat. 21:30 Chegando-se, então, ao segundo, falou-lhe de igual modo; respondeu-lhe este: Não quero; mas depois, arrependendo-se, foi. TJ 22:27 Mas ele lhe respondeu e disse: Eu não quero fazê-lo e, portanto, eu não irei. Contudo, ele logo sentiu remorso e foi. TJ 22:28 Agora, eu vos pergunto: Qual dos dois fez a vontade do pai? E eles disseram: O último, é claro. Mat. 21:31 Qual dos dois fez a vontade do pai? Disseram eles: O segundo. Disse-lhes Jesus: Em verdade vos digo que os publicanos e as meretrizes entram adiante de vós no reino de Deus. TJ 22:29 Mas Jmmanuel disse à eles: Em verdade, em verdade, eu vos digo: Os publicanos e as prostitutas irão reconhecer a sabedoria do conhecimento antes de vós. TJ 22:30 João e o profetas vieram até vós e vos ensinaram o caminho correto, e vós não confiastes neles; mas os publicanos e as prostitutas confiaram neles. E embora vós o reconheceis, vós, contudo, não fizestes penitência e mudastes as vossas mentes, para que pudésseis confiar neles dai em diante. Mat. 21:32 Pois João veio a vós no caminho da justiça, e não lhe deste crédito, mas os publicanos e as meretrizes lho deram; vós, porém, vendo isto, nem depois vos arrependestes para crerdes nele. TJ 22:31 Conheceis a verdade, e ainda assim negai-a de modo a lucrardes em ouro, prata, e mercadorias para enriquecerdes à vos mesmos às custas do povo pobre e mal orientando. Vós os enganais e os explorais em nome da fé. TJ 22:32 Mas ouvi uma outra parábola sobre uma vinha, e talvez vós ireis entender, caso não tenham perdido as vossas mentes.

70 TJ 22:33 Havia um senhor de uma grande propriedade que plantou uma vinha, construiu uma cerca em torno dela, e cavou aí uma adega; ele construiu uma torre, e arrendou a vinha aos vinhateiros e deixou o pais. Mat. 21:33 Ouvi ainda outra parábola: Havia um homem, proprietário, que plantou uma vinha, cercou-a com uma sebe, cavou nela um lagar, e edificou uma torre; depois arrendou-a a uns lavradores e ausentou-se do país. TJ 22:34 E chegando a época da colheita das uvas, e com ela o pagamento do arrendamento, ele enviou os seus criados aos vinhateiros de modo que coletassem o pagamento do arrendamento que lhe deviam. Mat. 21:34 E quando chegou o tempo dos frutos, enviou os seus servos aos lavradores, para receber os seus frutos. TJ 22:35 Os vinhateiros agarraram os seus criados, bateram em um, torturaram o outro, e apedrejaram até a morte o terceiro. Mat. 21:35 E os lavradores, apoderando-se dos servos, espancaram um, mataram outro, e a outro apedrejaram. TJ 22:36 E novamente o senhor enviou outros criados, desta vez mais do que a primeira vez; contudo, os vinhateiros os trataram da mesma maneira como fizeram com os criados anteriores. Mat. 21:36 Depois enviou ainda outros servos, em maior número do que os primeiros; e fizeramlhes o mesmo. TJ 22:37 E finalmente ele enviou o filho do administrador até eles e disse: Eles ficarão com medo do filho do administrador. Mat. 21:37 Por último enviou-lhes seu filho, dizendo: A meu filho terão respeito. TJ 22:38 Mas quando os vinhateiros viram o filho do administrador eles falaram entre si: Este é seu herdeiro, vamos matá-lo e tomemos a sua herança. Mat. 21:38 Mas os lavradores, vendo o filho, disseram entre si: Este é o herdeiro; vinde, matemo-lo, e apoderemo-nos da sua herança. TJ 22:39 Eles o agarraram, arrastaram-no para fora da vinha e o mataram; assim pensaram. Enquanto o presumiam morto, puseram-no numa sepultura, onde ele permaneceu num estado de quase morte por três dias e três noites, e então fugiram. Logo após, ele retornou ao senhor da vinha e relatou à ele. Mat. 21:39 E, agarrando-o, lançaram-no fora da vinha e o mataram. TJ 22:40 Agora, quando o senhor da vinha ouviu o que havia acontecido ao filho do administrador, o que achais que ele fez? Mat. 21:40 Quando, pois, vier o senhor da vinha, que fará àqueles lavradores? TJ 22:41 Eles lhe responderam: Ele provavelmente puniu e baniu os vilões e devolveu sua vinha à outros vinhateiros de vinha que lhe pagaram o arrendamento no tempo devido, e, certamente, ele devolveu a herança ao filho do administrador adiantadamente. Mat. 21:41 Responderam-lhe eles: Fará perecer miseravelmente a esses maus, e arrendará a vinha a outros lavradores, que a seu tempo lhe entreguem os frutos. TJ 22:42 Jmmanuel disse à eles: Vós reconhecestes o significado, e vós também lestes nas escrituras: A pedra que os construtores lançaram fora se tornou a pedra angular. Mat. 21:42 Disse-lhes Jesus: Nunca lestes nas Escrituras: A pedra que os edificadores rejeitaram, essa foi posta como pedra angular; pelo Senhor foi feito isso, e é maravilhoso aos nossos olhos? TJ 22:43 Por isso eu vos digo: Eu sou o filho do administrador da vinha, e vós sois como os vinhateiros que arrendaram o vinhedo. Mat. 21:43 Portanto eu vos digo que vos será tirado o reino de Deus, e será dado a um povo que dê os seus frutos. (O suposto Mateus inventou este texto falso!) TJ 22:44 Meus ensinamentos verdadeiramente não são estranhos para vós e vós estais bem familiarizados com eles, pois eles já foram dados, passados, e feitos conhecer à vós pelos profetas. TJ 22:45 Mas vós desrespeitais, falsificais e os interpretais em benefício próprio, e também me chamais de mentiroso; por isso vós também chamais à deus de mentiroso, sob cuja determinação eu fui gerado por um de sua espécie e estou diante de vós como um profeta. TJ 22:46 Por isso, eu vos digo: a paz e a alegria serão tiradas de vós e de vosso povo por toda a eternidade, e será dada ao povo que der seus bons frutos. 70

71 TJ 22:47 Se desrespeitais e pisoteais os mandamentos de deus, que é o regente desta e de duas outras linhagens humanas no Norte e no Leste, sereis desrespeitados e pisoteados para todo o sempre. TJ 22:48 O fardo do povo israelita será como uma pesada pedra das sete Grandes Eras. Qualquer um que cair sobre esta pedra será despedaçado, e qualquer um sobre o qual ela cair, este será esmagado. Mat. 21:44 E quem cair sobre esta pedra será despedaçado; mas aquele sobre quem ela cair será reduzido a pó. (Cadê o resto??? Foram omitidas palavras da verdade!) TJ 22:49 Quando os principais sacerdotes ouviram o que ele havia dito, eles entenderam que ele amaldiçoava à eles e ao povo israelita para todos os tempos futuros. Mat. 21:45 Os principais sacerdotes e os fariseus, ouvindo essas parábolas, entenderam que era deles que Jesus falava. TJ 22:50 E eles conspiraram sobre como poderiam agarrá-lo, Mas temiam ao povo, que acreditava ser ele um profeta. Mat. 21:46 E procuravam prendê-lo, mas temeram o povo, porquanto este o tinha por profeta. ATENÇÃO!!! TODOS OS TEXTOS ABAIXO Mat. 22:1 até Mat. 22:16 SÃO FALSOS!!! FORAM INVENTADOS PELO MENTIROSO SUPOSTAMENTE CHAMADO MATEUS!!!! NÃO EXISTEM NEM NUNCA EXISTIRAM NO TALMUD DE JMMANUEL. TRATAM-SE DE TEMAS QUE SÃO TOTALMENTE FORA DO CONTEXTO DA VERDADE QUE SIGNIFICA O TALMUD DE JMMANUEL. TEXTOS INVENTADOS!!!! Mat. 22:1 Então Jesus tornou a falar-lhes por parábolas, dizendo: Mat. 22:2 O reino dos céus é semelhante a um rei que celebrou as bodas de seu filho. Mat. 22:3 Enviou os seus servos a chamar os convidados para as bodas, e estes não quiseram vir. Mat. 22:4 Depois enviou outros servos, ordenando: Dizei aos convidados: Eis que tenho o meu jantar preparado; os meus bois e cevados já estão mortos, e tudo está pronto; vinde às bodas. Mat. 22:5 Eles, porém, não fazendo caso, foram, um para o seu campo, outro para o seu negócio; Mat. 22:6 e os outros, apoderando-se dos servos, os ultrajaram e mataram. Mat. 22:7 Mas o rei encolerizou-se; e enviando os seus exércitos, destruiu aqueles homicidas, e incendiou a sua cidade. Mat. 22:8 Então disse aos seus servos: As bodas, na verdade, estão preparadas, mas os convidados não eram dignos. Mat. 22:9 Ide, pois, pelas encruzilhadas dos caminhos, e a quantos encontrardes, convidai-os para as bodas. Mat. 22:10 E saíram aqueles servos pelos caminhos, e ajuntaram todos quantos encontraram, tanto maus como bons; e encheu-se de convivas a sala nupcial. Mat. 22:11 Mas, quando o rei entrou para ver os convivas, viu ali um homem que não trajava veste nupcial; Mat. 22:12 e perguntou-lhe: Amigo, como entraste aqui, sem teres veste nupcial? Ele, porém, emudeceu. Mat. 22:13 Ordenou então o rei aos servos: Amarrai-o de pés e mãos, e lançai-o nas trevas exteriores; ali haverá choro e ranger de dentes. Mat. 22:14 Porque muitos são chamados, mas poucos escolhidos. Mat. 22:15 Então os fariseus se retiraram e consultaram entre si como o apanhariam em alguma palavra; Mat. 22:16 e enviaram-lhe os seus discípulos, juntamente com os herodianos, a dizer; Mestre, sabemos que és verdadeiro, e que ensinas segundo a verdade o caminho de Deus, e de ninguém se te dá, porque não olhas a aparência dos homens. 71

72 72 Capítulo 23 O Dinheiro de Tributos TJ 23:1 Quando os Fariseus se reuniram em conselho para que pudessem pegá-lo em seu discurso, eles enviaram seus seguidores até ele, incluindo algumas das pessoas de Herodes. TJ 23:2 Então eles disseram: Mestre, sabemos que és verdadeiro e que ensinas o caminho das leis corretamente, e não fazes distinção de ninguém, já que tu não te preocupas a respeito da reputação das pessoas, mas apenas das leis de deus e, de fato, das leis da Criação. TJ 23:3 Por isso, diga-nos a tua opinião: É justo pagar tributos ao imperador ou não? Mat. 22:17 Dize-nos, pois, que te parece? É lícito pagar tributo a César, ou não? TJ 23:4 Mas Jmmanuel, percebeu sua malícia e disse: Enganadores, hipócritas e fraudulentos, como sois baixos em inteligência e compreensão que vós quereis tentar-me de tal maneira doentia e tola? Mat. 22:18 Jesus, porém, percebendo a sua malícia, respondeu: Por que me experimentais, hipócritas? TJ 23:5 Mostrai-me uma moeda para o tributo para que eu vos cure de vossa loucura doentia. E então eles deram à ele um denário. Mat. 22:19 Mostrai-me a moeda do tributo. E eles lhe apresentaram um denário. TJ 23:6 E ele disse à eles: De quem é a imagem e de quem é esta inscrição que está nesta moeda? Mat. 22:20 Perguntou-lhes ele: De quem é esta imagem e inscrição? TJ 23:7 E eles responderam: São do imperador. Mat. 22:21 Responderam: De César. Então lhes disse: Dai, pois, a César o que é de César, e a Deus o que é de Deus. TJ 23:8 Ele então disse à eles: Então dai ao imperador o que é do imperador e dai à deus o que é de deus, e dai à Criação o que é da Criação. TJ 23:9 E ainda atentai e saibas que deus e o imperador são homens acima dos quais está a onipotência da Criação à qual deveis dar as mais altas honras, TJ 23:10 porque, embora deus seja verdadeiramente o regente da raça humana e o imperador é verdadeiramente o regente do povo, acima deles está a Criação como a mais alta autoridade, à qual eles estão subordinados na lei, assim como está cada ser humano e toda a vida. TJ 23:11 Quando eles ouviram isso ficaram espantados, deixaram-no só, e se retiraram. Mat. 22:22 Ao ouvirem isso, ficaram admirados; e, deixando-o, se retiraram.(não foi alterado!) Renascimento TJ 23:12 No mesmo dia os Saduceus, que tinham a opinião de que não existia a reencarnação, vieram até ele. Mat. 22:23 No mesmo dia vieram alguns saduceus, que dizem não haver ressurreição, e o interrogaram, dizendo: TJ 23:13 Eles perguntaram à ele: Mestre, Moisés disse, Quando um homem morre e não tem filhos, seu irmão deverá tomar a viúva como sua esposa e gerar descendentes no lugar de seu irmão. Mat. 22:24 Mestre, Moisés disse: Se morrer alguém, não tendo filhos, seu irmão casará com a mulher dele, e suscitará descendência a seu irmão. TJ 23:14 Haviam sete irmãos entre nós. O primeiro era casado e morreu, e porque não tinha descendentes deixou sua esposa para o seu irmão; Mat. 22:25 Ora, havia entre nós sete irmãos: o primeiro, tendo casado, morreu: e, não tendo descendência, deixou sua mulher a seu irmão; TJ 23:15 e assim fez o segundo e o terceiro, até o sétimo. Mat. 22:26 da mesma sorte também o segundo, o terceiro, até o sétimo. TJ 23:16 E finalmente a mulher também morreu. Mat. 22:27 depois de todos, morreu também a mulher. TJ 23:17 Agora, ensinas que existe uma nova vida renovada. De quem será a esposa entre os sete, na nova vida, pois ela foi esposa de todos eles. Mat. 22:28 Portanto, na ressurreição, de qual dos sete será ela esposa, pois todos a tiveram?

73 TJ 23:18 Jmmanuel, contudo, respondeu, dizendo: Vós estais enganados e não conheceis as escrituras não adulteradas dos anciãos, nem conheceis as leis da Criação. Mat. 22:29 Jesus, porém, lhes respondeu: Errais, não compreendendo as Escrituras em o poder de Deus; (O suposto autor/redator Mateus escriba falsificou a verdade!!!) TJ 23:19 Em verdade, eu vos digo: Moisés, nunca deu tal mandamento, mas ele deu o mandamento em que um irmão deveria tomar a esposa de seu irmão para si mesmo em honra, para que então, se um morresse o outro tomaria conta da viúva de seu irmão. Mat. 22:30 pois na ressurreição nem se casam nem se dão em casamento; mas serão como os anjos no céu. (Mentiras do suposto autor Mateus: Reino do Céus, Pai, Deus, Anjos, Filho do Homem, Pecado!! Tolices inventadas pelo suposto Mateus e pelos pseudo-sábios da igreja!) TJ 23:20 Como é possível para um irmão gerar descendentes para o seu irmão, já que a semente de cada um é diferente! Mat. 22:31 E, quanto à ressurreição dos mortos, não lestes o que foi dito por Deus: TJ 23:21 Na próxima encarnação todos eles serão estranhos porque eles não reconhecerão uns aos outros; portanto, nenhuma lei diz que a esposa então pertence à este ou aquele. Mat. 22:32 Eu sou o Deus de Abraão, o Deus de Isaque, e o Deus de Jacó? Ora, ele não é Deus de mortos, mas de vivos. (O suposto Mateus falsificou a verdade!!! Fora de contexto!) TJ 23:22 Em cada nova vida a pessoa determina a si mesma com quem deseja se casar; então ela pode se casar com qualquer um do qual nunca se falou. TJ 23:23 Ouvi as leis da Criação, que ensinam que numa nova vida as pessoas não se lembram de suas vidas anteriores. Portanto, vossa pergunta é supérflua. TJ 23:24 Neste ponto, são apenas os profetas quem se lembram de suas vidas anteriores, já que seguem as leis da Criação e, portanto, vivem em sabedoria. TJ 23:25 Mas já que vós e o povo israelita continuarão a viver em lancinante escuridão por um longo período de tempo, a cognição e a sabedoria do espírito e da consciência ficarão ocultas de vós por bastante tempo. TJ 23:26 Outras pessoas avançarão muito além de vós e se desenvolverão grandemente em espírito e consciência, e seguirão as leis da Criação. TJ 23:27 Portanto, outras pessoas serão superiores à vós em espírito e em consciência e adquirirão grande sabedoria, de modo que muitos dentre elas logo serão como os profetas e terão lembranças a respeito de suas vidas passadas. TJ 23:28 Mas vós e o povo israelita deverão permanecer pobres em consciência, e então irão vagar em profundas trevas. TJ 23:29 A saber: Qualquer um que infligir punição deverá também suportar a punição. TJ 23:30 Quando as pessoas ouviram aquilo, ficaram aterrorizadas e com medo. Mat. 22: 33 E as multidões, ouvindo isso, se maravilhavam da sua doutrina. O Maior Mandamento TJ 23:31 Mas quando os Fariseus ouviram que Jmmanuel havia silenciado os Saduceus, reuniramse e deliberaram. Mat. 22:34 Os fariseus, quando souberam, que ele fizera emudecer os saduceus, reuniram-se todos; TJ 23:32 E um dentre eles, um escriba, testou-o, perguntando: Jmmanuel, qual é o primeiro dos mandamentos da lei? Mat. 22:35 e um deles, doutor da lei, para o experimentar, interrogou-o, dizendo: Mat. 22:36 Mestre, qual é o grande mandamento na lei? TJ 23:33 E Jmmanuel perguntou de volta: De qual lei estás pensando, a lei do imperador, ou estás pensando na lei de deus, ou estás pensando na lei da Criação? Mat. 22:37 Respondeu-lhe Jesus: Amarás ao Senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua alma, e de todo o teu entendimento. TJ 23:34 E o escriba disse: Eu estou pensando nas leis de todos os três. TJ 23:35 Mas Jmmanuel disse: O maior dos mandamentos na lei da Criação é este: Alcançai a sabedoria do conhecimento, para que possais seguir as leis da Criação. Mat. 22:38 Este é o grande e primeiro mandamento. 73

74 TJ 23:36 Mas o maior mandamento na lei de deus é este: Deveis honrar a deus como regente das três linhagens humanas e obedecer as suas leis, pois ele é o rei da sabedoria e é um bom e justo conselheiro. Mat. 22:39 E o segundo, semelhante a este, é: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo. (O suposto autor/ falsificador Mateus encaixou este texto!) TJ 23:37 E o maior mandamento nas leis do imperador é este: Deveis ser obedientes ao imperador, seguir as suas leis e dar a ele o dízimo, porque ele é o regente do povo e é seu guardião e protetor. TJ 23:38 Estes são os principais e maiores mandamentos nas leis dos três, conforme aplicados em suas categorias. Mat. 22:40 Destes dois mandamentos dependem toda a lei e os profetas. TJ 23:39 Mas o outro mandamento, igual ao primeiro, é este: Deveis considerar somente a Criação como onipotente, pois só ela é constante em todas as coisas e nisso é eterna. TJ 23:40 O imperador e deus são transitórios, mas a Criação é eterna. TJ 23:41 Destes dois mandamentos dependem toda a lei e os profetas. TJ 23:42 As leis de deus e as leis do imperador são leis humanas e tem o propósito de manter a lei e a ordem entre o povo. TJ 23:43 Mas as leis da Criação são as leis da vida e do espírito, e, portanto, são eternas e constantes. TJ 23:44 Do mesmo modo, eterno é o espírito de uma pessoa, que é um pequenino fragmento do espírito da Criação, pois como poderia a própria Criação cessar de existir. TJ 23:45 Então, quando uma pessoa morre, seu espírito continua a viver e parte deste lado da existência para o outro lado, onde irá continuar a obter a sabedoria do conhecimento. TJ 23:46 Quanto maior for a sabedoria espiritual obtida através do aprendizado da consciência, mais o próprio espírito determina o seu futuro, o seu retorno, e as suas atividades subsequentes. TJ 23:47 E já que eu também sou um profeta e conheço o futuro, eu vos digo que eu devo retornar como representante de deus para o propósito de instrutivamente prestar julgamento a todos aqueles que vivem de acordo com falsos ensinamentos e que degradam a sabedoria do espírito. TJ 23:48 Portanto, as palavras da verdade serão severas e impiedosas, e muitas pessoas ferverão de raiva por causa delas. TJ 23:49 As severas palavras da verdade por si só serão o julgamento e a penalidade para todos aqueles que vivem de acordo com os falsos ensinamentos e degradam a sabedoria do espírito. TJ 23:50 E já que os Fariseus estavam juntos, Jmmanuel os perguntou: O que pensais a meu respeito, de quem eu sou filho? Mat. 22:41 Ora, enquanto os fariseus estavam reunidos, interrogou-os Jesus, dizendo: Mat. 22:42 Que pensais vós do Cristo? De quem é filho? Responderam-lhe: De Davi. TJ 23:51 Eles disseram: O filho de Davi. TJ 23:52 Mas ele disse a eles: Como posso ser o filho de Davi, quando ele já morreu há muito tempo e eu fui gerado por Gabrjel, o anjo guardião? Mat. 22:43 Replicou-lhes ele: Como é então que Davi, no Espírito, lhe chama Senhor, dizendo: TJ 23:53 E não lestes que Davi chamou-me de senhor quando disse: TJ 23:54 O Senhor disse ao meu senhor: Assenta-te ao meu lado direito, até que eu ponha os teus inimigos debaixo de teus pés, porque és meu filho adotivo e meu sucessor. Mat. 22:44 Disse o Senhor ao meu Senhor: Assenta-te à minha direita, até que eu ponha os teus inimigos de baixo dos teus pés? TJ 23:55 Já que Davi me chama de senhor, como posso ser o seu filho? Mat. 22:45 Se Davi, pois, lhe chama Senhor, como é ele seu filho? TJ 23:56 E ninguém podia lhe dar uma resposta, mas secretamente eles diziam: Ele blasfema à Deus e os profetas. Vamos tentar pegá-lo e matá-lo, pois ele põe em perigo nossa posição de maneira que não mais seremos respeitados pelo povo. Mat. 22:46 E ninguém podia responder-lhe palavra; nem desde aquele dia jamais ousou alguém interrogá-lo. 74

75 75 Capítulo 24 Contra os Escribas e os Fariseus TJ 24:1 E Jmmanuel falou ao povo e aos discípulos: Nas cadeiras dos profetas estão assentados os escribas e os Fariseus. Mat. 23:1 Então falou Jesus às multidões e aos seus discípulos, dizendo: Mat. 23:2 Na cadeira de Moisés se assentam os escribas e fariseus. TJ 24:2 Abstei-vos, portanto, de fazerdes e aceitardes qualquer coisa que vos digam, e também não agireis de acordo com as obras deles. Mat. 23:3 Portanto, tudo o que vos disserem, isso fazei e observai; mas não façais conforme as suas obras; porque dizem e não praticam. TJ 24:3 Eles vos ensinam ensinamentos confusos, que eles e seus ancestrais falsificaram para os seus próprios interesses egoísticos. TJ 24:4 Eles atam pesados fardos e os põem sobre os ombros das pessoas, Mas eles mesmos não querem levantar um dedo. Mat. 23:4 Pois atam fardos pesados e difíceis de suportar, e os põem aos ombros dos homens; mas eles mesmos nem com o dedo querem movê-los. TJ 24:5 Fazem as suas obras de modo a serem vistos pelas pessoas e impressioná-las. Mat. 23:5 Todas as suas obras eles fazem a fim de serem vistos pelos homens; pois alargam os seus filactérios, e aumentam as franjas dos seus mantos; TJ 24:6 E fazem os seus filactérios largos, e alongam as franjas de seus vestidos. TJ 24:7 Eles gostam de tomar assento nos primeiros lugares das mesas e nos melhores lugares nas sinagogas. Mat. 23:6 gostam do primeiro lugar nos banquetes, das primeiras cadeiras nas sinagogas, TJ 24:8 E gostam de serem saudados nos mercados e de serem chamados de mestres pelo povo. Mat. 23:7 das saudações nas praças, e de serem chamados pelos homens: Rabi. TJ 24:9 Mas não deixeis que ninguém vos chamem de mestres até que vos torneis conhecedores da sabedoria do conhecimento. Mat. 23:8 Vós, porém, não queirais ser chamados Rabi; porque um só é o vosso Mestre, e todos vós sois irmãos. TJ 24:10 E não deixeis que ninguém vos chamem de instrutores até que vós mesmos tenhais seguido as leis da Criação, Mat. 23:9 E a ninguém sobre a terra chameis vosso pai; porque um só é o vosso Pai, aquele que está nos céus. TJ 24:11 pois aqueles que se permitem em ser chamados de mestres e instrutores mas não possuem a sabedoria do conhecimento serão denunciados como mentirosos. Mat. 23:10 Nem queirais ser chamados guias; porque um só é o vosso Guia, que é o Cristo. TJ 24:12 Porque aqueles que se exaltarem a si mesmos serão humilhados, e aqueles que injustamente humilham a si mesmos serão desprezados. Mat. 23:11 Mas o maior dentre vós há de ser vosso servo. TJ 24:13 Que aqueles que sejam grandes em consciência considerem a si mesmos grandes, e aqueles que sejam menores em consciência que considerem a si mesmo menores e aqueles que estiverem no meio em consciência que considerem a si mesmos no meio. Mat. 23:12 Qualquer, pois, que a si mesmo se exaltar, será humilhado; e qualquer que a si mesmo se humilhar, será exaltado. TJ 24:14 É insensato e tolo as pessoas deixarem que os outros as considerem maiores ou menores do que elas realmente são. TJ 24:15 Ai de vós, escribas e Fariseus, enganadores, hipócritas e trapaceiros que impedem o desenvolvimento do espírito e da consciência das pessoas com as vossas mentiras e falsos ensinamentos. Mat. 23:13 Mas ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! porque fechais aos homens o reino dos céus; pois nem vós entrais, nem aos que entrariam permitis entrar. (O suposto autor Mateus hipócrita, cínico e mentiroso!! Sabia o que estava fazendo!)

76 TJ 24:16 Não alcançareis avanço facilmente, a através de vossos falsos ensinamentos vós privais aqueles que desejam avançar de assim o conseguirem. TJ 24:17 Ai de vós, escribas e Fariseus, enganadores, hipócritas e trapaceiros, que devoram os lares da viúvas e se engajam em prolongadas orações pelo bem da aparência; portanto, devereis viver em lancinante escuridão por um longo tempo. Mat. 23:14 (Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! porque devorais as casas das viúvas e sob pretexto fazeis longas orações; por isso recebereis maior condenação.) TJ 24:18 Ai de vós, escribas e Fariseus, hipócritas que viajam por mar e por terra de modo a ganharem um prosélito crente; e assim que ele se torna um, vós o transformais numa criança sem razão e irracional que se entrega duas vezes mais em falsos ensinamentos do que vós. Mat. 23:15 Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! porque percorreis o mar e a terra para fazer um prosélito; e, depois de o terdes feito, o tornais duas vezes mais filho do inferno do que vós. TJ 24:19 Ai de vós, cegos proponentes de falsos ensinamentos que dizem: Se uma pessoa jurar pelo templo, o juramento não é válido, mas se ela jurar pelo ouro do templo, o juramento está devido. TJ 24:20 Vós, pessoas insensatas e cegas, sois a cria do mal; por que deixais que as pessoas jurem, sabendo que um juramento não é compromisso e é um ato sem valor! Mat. 23:16 Ai de vós, guias cegos! que dizeis: Quem jurar pelo ouro do santuário, esse fica obrigado ao que jurou. TJ 24:21 Ou dizeis: Se alguém jurar pelo altar isso não é válido; mas se alguém jurar pela oferenda sacrificial é compromisso. Mat. 23:17 Insensatos e cegos! Pois qual é o maior; o ouro, ou o santuário que santifica o ouro? Mat. 23:18 E: Quem jurar pelo altar, isso nada é; mas quem jurar pela oferta que está sobre o altar, esse fica obrigado ao que jurou. TJ 24:22 Instrutores cegos e enganados, quem vos deu o direito de requerer ou tomar um juramento já que as leis da Criação declaram que não se deve tomar juramentos? Mat. 23:19 Cegos! Pois qual é maior: a oferta, ou o altar que santifica a oferta? TJ 24:23 Vossas palavras deverão sempre ser apenas sim, sim ou não, não TJ 24:24 Portanto, aqueles que juram por qualquer coisa na Terra, ou no Universo, juram por algo passageiro, que é sem permanência. Mat. 23:20 Portanto, quem jurar pelo altar jura por ele e por tudo quanto sobre ele está; TJ 24:25 Por isso, um juramento é também sem permanência. TJ 24:26 E aqueles que juram pela Criação ou suas leis, juram por algo sobre o qual não possuem poder algum. Portanto, tal juramento é também sem permanência. Mat. 23:21 e quem jurar pelo santuário jura por ele e por aquele que nele habita; TJ 24:27 Qualquer um que jure por qualquer coisa comete uma ofensa contra a veracidade de sua palavra e a torna sem confiança. Mat. 23:22 e quem jurar pelo céu jura pelo trono de Deus e por aquele que nele está assentado. (O suposto autor Mateus, falsificou a verdade!!! Texto falso! Inventado!) TJ 24:28 Ai de vós, escribas e Fariseus, hipócritas que dizimais sementes de hortelã, meramie, endro, e de cominho mas negligenciais as coisas mais importantes na lei, ou sejam, a justiça, a liberdade do conhecimento, e a verdade da Criação. Assim ignorais a lei do amor e as leis da lógica e da justiça. * Mat. 23:23 Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! porque dais o dízimo da hortelã, do endro e do cominho, e tendes omitido o que há de mais importante na lei, a saber, a justiça, a misericórdia e a fé; estas coisas, porém, devíeis fazer, sem omitir aquelas. *Meramie: Salvia Fruticosa (Salvia) palavra árabe Marammiye ou Marmaryie e em hebraico Marva Meshuleshet. É uma erva medicinal que cresce em Israel, Líbano, Síria, Turquia, e Grécia. (É desconhecida a razão pela qual foi omitida a palavra Meramie.) TJ 24:29 Ai de vós, líderes cegos de uma horda de cegos, que dizeis: Isto deve ser feito e isto não deve ser deixado de ser feito. TJ 24:30 Somente vós espalhais um ensinamento confuso e ignorais as leis da Criação. TJ 24:31 Condutores cegos, sois mosquitos e engolis camelos, os quais não podeis digerir. Mat. 23:24 Guias cegos! que coais um mosquito, e engulis um camelo. 76

77 TJ 24:32 Ai de vós, escribas e Fariseus, hipócritas, que mantém os copos e pratos limpos por fora e por dentro são cheios de rapina e ganância. Mat. 23:25 Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! porque limpais o exterior do copo e do prato, mas por dentro estão cheios de rapina e de intemperança. TJ 24:33 Escribas e Fariseus cegos, hipócritas e distorcedores da verdade, limpai primeiro o que está no interior do copo para que então o lado de fora possa se tornar puro e iluminar com o seu brilho. Mat. 23:26 Fariseu cego! limpa primeiro o interior do copo, para que também o exterior se torne limpo. TJ 24:34 Ai de vós, escribas e Fariseus, hipócritas, sois semelhantes aos sepulcros caiados que parecem bonitos por fora, mas por dentro são cheios de fedor, de ossos e imundícies. Mat. 23:27 Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! porque sois semelhantes aos sepulcros caiados, que por fora realmente parecem formosos, mas por dentro estão cheios de ossos e de toda imundícia. TJ 24:35 Então, do lado de fora pareceis piedosos e bondosos diante das pessoas, enquanto que por dentro vós sois cheios de hipocrisia, engano, e transgressão. Mat. 23:28 Assim também vós exteriormente pareceis justos aos homens, mas por dentro estais cheios de hipocrisia e de iniquidade. TJ 24:36 Ai de vós, escribas e Fariseus, hipócritas, que construís monumentos aos profetas e decorais os túmulos dos justos e dizeis: Mat. 23:29 Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! porque edificais os sepulcros dos profetas e adornais os monumentos dos justos, TJ 24:37 Se tivéssemos vivido do tempo de nossos ancestrais e pais, não nos tornaríamos culpados com eles no derramamento do sangue dos profetas. Mat. 23:30 e dizeis: Se tivéssemos vivido nos dias de nossos pais, não teríamos sido cúmplices no derramar o sangue dos profetas. TJ 24:38 Ai de vós, escribas e Fariseus, enganadores, hipócritas, e fraudulentos. Vós secretamente invocais as pessoas mortas, as elevadas, e as comuns, e enganais a vós mesmos por erroneamente acreditar que falais com elas e por acreditar em vosso próprio engano. TJ 24:39 Não podeis falar com os mortos, e mesmo se pudésseis, aqueles que partiram só vos diriam os pensamentos errôneos que possuíam anteriormente durante o tempo em que viviam. TJ 24:40 Não sois grandes o bastante para invocardes aqueles mortos que possuem sabedoria e que podem falar a verdade. TJ 24:41 Portanto, dais testemunho contra vós mesmos de que sois os filhos daqueles que mataram os profetas e falsificaram os seus ensinamentos. Mat. 23:31 Assim, vós testemunhais contra vós mesmos que sois filhos daqueles que mataram os profetas. TJ 24:42 Pois bem, enchei vós a medida de vossos ancestrais e pais; assim terminareis vossas vidas sem entendimento e tereis dificuldades em aprender até o futuro distante. Mat. 23:32 Enchei vós, pois, a medida de vossos pais. TJ 24:43 Raça de cobras e víboras! Como podeis aspirar serdes grandes em espírito e em consciência quando ainda não possuis qualquer entendimento? Mat. 23:33 Serpentes, raça de víboras! como escapareis da condenação do inferno? Mat. 23:34 Portanto, eis que eu vos envio profetas, sábios e escribas: e a uns deles matareis e crucificareis; e a outros os perseguireis de cidade em cidade; TJ 24:44 Todo o sangue dos justos que foi derramado na Terra por vossos feitos cairá sobre vós, a começar pelo sangue de Zacarias, o filho de Baraquias, que matastes entre o templo e o altar, bem como todo o sangue que será derramado no futuro por causa de vossa culpa. Mat. 23:35 para que sobre vós caia todo o sangue justo, que foi derramado sobre a terra, desde o sangue de Abel, o justo, até o sangue de Zacarias, filho de Baraquias, que mataste entre o santuário e o altar. TJ 24:45 Sereis os renegados entre os povos humanos, e então ireis alternadamente perder as terras que vós tomastes pela força, ireis reconquistá-la e perdê-la de novo até o mais distante futuro. Mat. 23:36 Em verdade vos digo que todas essas coisas hão de vir sobre esta geração. 77

78 TJ 24:46 Em verdade, eu vos digo, vossa existência será uma luta e guerra contínuas, e portanto os povos humanos vos golpearão com os seus pensamentos e inimizades hostis. Mat. 23:7 Jerusalém, Jerusalém, que matas os profetas, apedrejas os que a ti são enviados! quantas vezes quis eu ajuntar os teus filhos, como a galinha ajunta os seus pintos debaixo das asas, e não o quiseste! TJ 24:47 Não encontrareis nem o descanso nem a paz no país roubado por vossos ancestrais por meio da falsidade, do engano, e do fogo, porque vós sereis assombrados pela herança do fardo daqueles assassinatos pelos quais vossos ancestrais assassinaram os antigos habitantes destas partes da Terra e os privaram da vida e dos bens materiais. Mat. 23:38 Eis aí abandonada vos é a vossa casa. TJ 24:48 Por isso, todo o sangue dos justos cairá sobre vós esse sangue que foi derramado por vossos ancestrais e por vós, e que será derramado por vós e por vossos descendentes próximos e distantes até o futuro distante. TJ 24:49 Haverá ódio contra vós neste mundo. Mesmo a nova era não vos trará nem o descanso e nem a paz, até que vos retireis da terra que vós tomastes pela força, ou até que vós façais uma paz conciliatória, crieis uma verdadeira irmandade e unidade com os vossos inimigos, e renuncieis os vossos direitos errados e roubados. TJ 24:50 Raça de cobras e víboras, isto vos acontecerá no futuro distante. Não é por acaso que vós tereis uma chance fortuita na nova era quando os meus ensinamentos sobre a justiça e as leis da Criação serão novamente disseminados, para que então possais agarrar a oportunidade de terminar e apaziguar o ódio do mundo contra vós por meio de uma paz honesta. TJ 24:51 Portanto, na nova era, ouvi meus ensinamentos, que são verdadeiramente as leis e mandamentos da Criação. Prestai atenção quando eles forem ensinados de novo, porque este será o sinal dos tempos, nos quais muitas coisas irão mudar. A força dos poderosos e dos tiranos irá sucumbir, de modo que os povos de toda a humanidade tornem-se livres. TJ 24:52 Na nova era distante vindoura, ouvi as novas apresentações dos meus ensinamentos, das forças espirituais e Criacionais, e a leis e mandamentos, que são válidos para todos os tempos e por todos os Universos, para que possais agir de acordo com os meus conselhos e para que possa haver tranqüilidade e paz entre vós e todos os seres humanos deste mundo. TJ 24:53 Em verdade, em verdade, eu vos digo: Tudo isso será realizado e cairá sobre vós e sobre o vosso povo bem no futuro, assim como eu vos falei. Mat. 23:39 Pois eu vos declaro que desde agora de modo nenhum me vereis, até que digais: Bendito aquele que vem em nome do Senhor. Capítulo 25 A Profecia TJ 25:1 E Jmmanuel caminhou para fora do templo, e seus discípulos vieram até ele porque queriam lhe mostrar a estrutura do templo. Mat. 24:1 Ora, Jesus, tendo saído do templo, ia-se retirando, quando se aproximaram dele os seus discípulos, para lhe mostrarem os edifícios do templo. TJ 25:2 Ele, contudo, falou-lhes: Não vedes tudo isto? Em verdade, eu vos digo, nenhuma pedra irá permanecer sobre a outra sem que não esteja quebrada. Mat. 24:2 Mas ele lhes disse: Não vedes tudo isto? Em verdade vos digo que não se deixará aqui pedra sobre pedra que não seja derribada. TJ 25:3 O povo israelita transgride contra a vida e a verdade, e construíram esta cidade com o sangue humano. Esta gente está dividida entre israelitas, que chamam a si mesmos de filhos e filhas do Sião, com quem eu não me identifico, e que querem me matar, e judeus, que são os crentes desencaminhados de seu culto religioso, e a quem eu trago os ensinamentos da verdade, assim como o faço a todos os humanos da Terra. TJ 25:4 Os israelitas devastaram esta terra por meio da pilhagem e do assassinato, eles mataram seus amigos com os quais beberam vinho, e enganaram e desencaminharam seus prosélitos do culto judaico, que não são israelitas, mas meramente crentes em um culto. 78

79 TJ 25:5 Assim, os israelitas traíram os seus próprios amigos e os assassinaram por causa da sua ganância, Mas a mesma coisa será feita à eles pelos justos proprietários desta terra aos quais eles privaram de seus direitos e os subjugaram desde os tempos antigos. TJ 25:6 E quando ele se assentou no Monte da Oliveiras, seus discípulos vieram até ele e disseram: Diga-nos, quando isso sucederá, e quais serão os sinais? Mat. 24:3 E estando ele sentado no Monte das Oliveiras, chegaram-se a ele os seus discípulos em particular, dizendo: Declara-nos quando serão essas coisas, e que sinal haverá da tua vinda e do fim do mundo. TJ 25:7 E Jmmanuel respondeu dizendo: Dois mil e poucos anos passarão, mas enquanto isso Israel jamais encontrará a paz porque guerras e muitas calamidades ameaçarão os ocupantes ilegais desta terra; mas acautelai-vos para que ninguém vos desencaminhe. Mat. 24:4 Respondeu-lhes Jesus: Acautelai-vos, que ninguém vos engane. TJ 25:8 Isto é, muitos enganadores e falsos profetas virão em meu nome e dirão: Eu sou Jmmanuel, e eu sou o sinal dos tempos, e eles desencaminharão a muitos. Mat. 24:5 Porque muitos virão em meu nome, dizendo: Eu sou o Cristo; a muitos enganarão. TJ 25:9 As pessoas irão ouvir a respeito de guerras e ameaças de guerra, e isto elas testemunharão, mas não vos assusteis, pois assim deve acontecer, mas isso ainda não será o fim. Mat. 24:6 E ouvireis falar de guerras e rumores de guerras; olhai não vos perturbeis; porque forçoso é que assim aconteça; mas ainda não é o fim. TJ 25:10 Pois muitas nações se erguerão contra os seus governos, uma nação contra a outra e um reino contra o outro, e haverá tempos de privações, terremotos, e imensas tempestades, e enchentes por toda a parte. Mat. 24:7 Porquanto se levantará nação contra nação, e reino contra reino; e haverá fomes e terremotos em vários lugares. TJ 25:11 Todos estes eventos são apenas o começo das dores. Mat. 24:8 Mas todas essas coisas são o princípio das dores. TJ 25:12 Logo as pessoas com conhecimento serão entregues à miséria e serão mortas. Mat. 24:9 Então sereis entregues à tortura, e vos matarão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome. TJ 25:13 Elas serão odiadas por causa da verdade dos ensinamentos e da sabedoria. Mat. 24:10 Nesse tempo muitos hão de se escandalizar, e trair-se uns aos outros, e mutuamente se odiarão. TJ 25:14 Vários cultos religiosos se erguerão uns contra os outros, e muito sangue irá jorrar. Mat. 24:11 Igualmente hão de surgir muitos falsos profetas, e enganarão a muitos; TJ 25:15 Então, muitos irão sucumbir a tentação, e trairão e odiarão uns aos outros porque permaneceram pequenos em consciência. TJ 25:16 O amor irá esfriar em muitas pessoas porque a ignorância terá ganho o poder. Mat. 24:12 e, por se multiplicar a iniquidade, o amor de muitos esfriará. TJ 25:17 O ódio irá reger o mundo e o mal reinará, TJ 25:18 mas aqueles que persistirem na verdade sobreviverão. Mat. 24:13 Mas quem perseverar até o fim, esse será salvo. TJ 25:19 Esta lição será pregada na nova era por todo o mundo, como testemunho para todos os povos, e então o fim virá. Mat. 24:14 E este evangelho do reino será pregado no mundo inteiro, em testemunho a todas as nações, e então virá o fim. TJ 25:20 Quando as pessoas verem o horror da destruição em Jerusalém, da qual falaram os profetas, o fim virá. Mat. 24:15 Quando, pois, virdes estar no lugar santo a abominação de desolação, predita pelo profeta Daniel (quem lê, entenda), (Fariseu falsificador omitiu a palavra Jerusalém em Israel, terra santa para os judeus e para os tolos!!! Por isso escreveu quem ler entenda!!!) TJ 25:21 Quem quer que esteja na terra tomada pelos israelitas neste tempo, deverá fugir para as montanhas. Mat. 24:16 então os que estiverem na Judéia fujam para os montes; 79

80 TJ 25:22 Aqueles que estiverem sobre os telhados, não deverão descer para pegar as coisas de dentro de suas casas. Mat. 24:17 quem estiver no eirado não desça para tirar as coisas de sua casa, TJ 25:23 Aqueles que estiverem nos campos não deverão voltar atrás para buscarem os seus casacos. Mat. 24:18 e quem estiver no campo não volte atrás para apanhar a sua capa. TJ 25:24 Ai das mulheres grávidas e das mães que amamentam naquele tempo, pois elas sofrerão muita aflição e morte, e haverão muitas delas. Mat. 24:19 Mas ai das que estiverem grávidas, e das que amamentarem naqueles dias! Mat. 24:20 Orai para que a vossa fuga não suceda no inverno nem no sábado; (O enganador e suposto Mateus acrescentou este texto apenas para destacar o Sabath dia sagrado sábado- apenas para os judeus! Escriba falsificador da verdade!!!) TJ 25:25 Então, logo após, haverão aflições ainda maiores do que jamais foram vistas desde o começo do mundo, e que nunca haverão novamente. Mat. 24:21 porque haverá então uma tribulação tão grande, como nunca houve desde o princípio do mundo até agora, nem jamais haverá. TJ 25:26 Se aqueles dias não fossem abreviados, ninguém sobreviveria; mas os dias serão abreviados pelo bem do espírito e da vida. Mat. 24:22 E se aqueles dias não fossem abreviados, ninguém se salvaria; mas por causa dos escolhidos serão abreviados aqueles dias. (O suposto autor Mateus alterou o sentido do texto!) TJ 25:27 Isso também será pelo bem das pessoas que servem à verdade e as leis. TJ 25:28 Mas haverá choro e ranger de dentes quando forem trazidos estes tempos pela falta de entendimento das pessoas e por sua ganância. TJ 25:29 Elas construirão máquinas de metal para usarem no ar, na água, e na terra, e trarão mútua destruição. TJ 25:30 Destas máquinas de metal elas arremessarão pesados projéteis pela terra e por sobre as cidades. TJ 25:31 Fogo irromperá destes projéteis e queimará o mundo, e pouco será poupado. TJ 25:32 Elas irão pôr os elementos básicos da vida e ar mortífero dentro dos projéteis para acenderem os fogos mortíferos e destruírem a terra e a vida. TJ 25:33 Se naqueles tempos poderosas nações não interviessem, assim como uma vez o fizeram os filhos celestiais, para fazerem parar a loucura desenfreada e a conduta mortal dos ditadores dementes, em verdade, eu vos digo, nenhum ser humano sobreviveria. TJ 25:34 Já que a população humana consistirá de mais de dez vezes quinhentos milhões de pessoas naqueles tempos, grandes segmentos delas serão erradicadas e mortas. TJ 25:35 Isto é o que ordena a lei, porque as pessoas a violaram, e continuarão a violar até o futuro distante. TJ 25:36 Se, naqueles tempos, alguém disser às pessoas: Vede, aqui está Jmmanuel que é o sinal dos tempos, elas não deverão aceitar isso como verdade, Mat. 24:23 Se, pois, alguém vos disser: Eis aqui o Cristo! ou: Ei-lo aí! não acrediteis; TJ 25:37 pois muitos falsos Jmmanueis e muitos enganadores e falsos profetas surgirão, e farão grandes sinais e milagres, de modo que se tornará possível enganar não só os buscadores, os crentes, e os errantes, mas também aos estudiosos e pessoas sábias. Mat. 24:24 porque hão de surgir falsos cristos e falsos profetas, e farão grandes sinais e prodígios; de modo que, se possível fora, enganariam até os escolhidos. (O suposto autor Mateus alterou o sentido do texto!!! Pensava que suas mentiras não seriam descobertas um dia!) TJ 25:38 Vede! Eu vos contei isso antecipadamente e assim isso se realizará por si mesmo. Mat. 24:25 Eis que de antemão vo-lo tenho dito. TJ 25:39 Portanto, quando os enganadores e aqueles que foram enganados disserem: Ele está no deserto, as pessoas não deverão se aventurar ali, e quando eles disserem: Vede! Ele está numa câmara, elas não deverão aceitar isso como verdade. Mat. 24:26 Portanto, se vos disserem: Eis que ele está no deserto; não saiais; ou: Eis que ele está no interior da casa; não acrediteis. TJ 25:40 Já que eu, com certeza, retornarei naqueles tempos, eu os deixarei que me reconheçam. 80

81 TJ 25:41 Assim é como a lei e o destino ordena, e assim deverá ser. TJ 25:42 Pois assim como o relâmpago ilumina do começo ao fim, assim será a minha vinda no futuro, quando eu trarei novamente os ensinamentos da verdade e anunciar as legiões dos filhos celestiais. Naquele tempo eu terei uma vida renovada e serei acusado de enganador e de blasfêmia pelo mundo inteiro, até que os ensinamentos da verdade tragam percepção e mudança nas pessoas. Mat. 24:27 Porque, assim como o relâmpago sai do oriente e se mostra até o ocidente, assim será também a vinda do filho do homem. TJ 25:43 Povos de todos os tempos, acautelai-vos, onde estiver a carcaça ai se ajuntarão os abutres, portanto cuidado com eles. Mat. 24:28 Pois onde estiver o cadáver, aí se ajuntarão os abutres. TJ 25:44 Logo após a miséria desses tempos longínquos, o sol e a lua perderão o seu brilho, cometas cairão do céu e os poderes dos céus começarão a serem abalados. Mat. 24:29 Logo depois da tribulação daqueles dias, escurecerá o sol, e a lua não dará a sua luz; as estrelas cairão do céu e os poderes dos céus serão abalados. TJ 25:45 O feitio do céu da Terra e o ar será perturbado, e a terra irá queimar por causa do óleo negro da Terra, incendiado pela ânsia das pessoas pelo poder. O céu irá escurecer por causa da fumaça e do fogo, que assolarão por mil dias, e todas as coisas que houverem, por sobre a terra queimando, e além, serão cobertas com fuligem negra. Consequentemente o clima irá entrar em colapso, e o frio severo e muitas mortes se abaterão sobre as pessoas, plantas, e animais, e sobre a Terra, como resultado das desatreladas forças inconscientes das pessoas que vivem na ânsia pelo poder, paixões malignas e vícios. TJ 25:46. E então, os sinais irão aparecer no céu, e todos os humanos da Terra lamentarão e virão ver os sinais nas nuvens do céu que dão testemunho ao grande poder e o severo julgamento contra a irracionalidade. TJ 25:46. Alsdann aber werden erscheinen Zeichen am Himmel, und es werden heulen alle Geschlechter auf Erden und werden kommem, um zu sehen die Zeichen in den Woken des Himmels, die von grosse Kraft und strengen Gericht wider die Unvernunft zeugen. Mat. 24:30 Então aparecerá no céu o sinal do Filho do homem, e todas as tribos da terra se lamentarão, e verão vir o Filho do homem sobre as nuvens do céu, com poder e grande glória.(o suposto autor/redator Mateus, mentiroso, falsificador da verdade, irás esperar o teu Filho do Homem infinitamente seu mentiroso!) Mat. 24:31 E ele enviará os seus anjos com grande clangor de trombeta, os quais lhe ajuntarão os escolhidos desde os quatro ventos, de uma à outra extremidade dos céus. TJ 25:47. Assim deus é o senhor das três linhagens humanas, e ainda, as leis e mandamentos da Criação são eternamente válidos. Através destas leis e mandamentos que representam a Criação, a raça humana, em sua irracionalidade, trará para si um cruel julgamento. TJ 25:47. So Gott der Herrscher über die drei Menschengeschlechter ist, so gelten doch in Ewigkeit die Gesetze und Gebote der Schöpfung, durch die als schöpferische Stellvertretung und durch die Unvernunft der Mensch böse über sich selbst richten wird. TJ 25:48 Os humanos devem a sua existência à deus, que é o regente sobre elas; portanto, eles devem seguir os seus mandamentos e respeitá-lo como o grande rei da sabedoria. TJ 25:48. Na Gott schuldet der Mensch seine Zeugung und Gott ist derr Herrsche über ihn, so er seine Gesetze befolgen muss und ihn achte als den grössten Weisheitskönig. TJ 25:49 Nos dias que virão, ele enviará os seus anjos guardiões que soarão as trombetas e reunirão os seus fiéis seguidores das quatro direções, de um extremo da Terra ao outro. TJ 25:50 Aprendei uma parábola da figueira, quando seus ramos brotam folhas sabeis que o verão se aproxima. Mat. 24:32 Aprendei, pois, da figueira a sua parábola: Quando já o seu ramo se torna tenro e brota folhas, sabeis que está próximo o verão. TJ 25:51 Portanto, assim será também para as pessoas naqueles tempos: quando elas virem tudo isto acontecer elas poderão saber que estes eventos estão sobre elas. Mat. 24:33 Igualmente, quando virdes todas essas coisas, sabei que ele está próximo, mesmo às portas. TJ 25:52 Em verdade, em verdade, eu vos digo, é assim que irá acontecer. 81

82 Mat. 24:34 Em verdade vos digo que não passará esta geração sem que todas essas coisas se cumpram. TJ 25:53 E aquela geração não passará até que tudo isto tenha acontecido. TJ 25:54 O céu e a Terra, num tempo futuro, passarão, e assim também o Universo; mas as minhas palavras não passarão porque são as palavras da verdade dentro da lei da Criação. Mat. 24:35 Passará o céu e a terra, mas as minhas palavras jamais passarão. TJ 25:55 Ninguém sabe o dia nem a hora quando isso ocorrerá, nem os anjos guardiões e nem o próprio deus, e nem eu, Jmmanuel; mas somente a providência e o destino o sabem pelas leis e mandamentos da Criação, que possuem a maior sabedoria. Mat. 24:36 Daquele dia e hora, porém, ninguém sabe, nem os anjos do céu, nem o Filho, senão só o Pai. (O suposto autor Mateus falsificou a verdade!!! Texto falso!) TJ 25:56 Somente a Criação está acima de toda a humanidade e só ela merece honras e glórias, assim como ela oferece honras e glórias ao poder absoluto (Absolutum)* que está acima dela. * vide TJ 34:23 Mat. 24:37 Pois como foi dito nos dias de Noé, assim será também a vinda do Filho do homem. (O suposto Mateus, falsificou o texto com inverdades! Mentiroso!!) TJ 25:57 Se as pessoas respeitarem e honrarem a deus, e se acima dele elas reconhecerem, honrarem, estimarem, e admitirem somente a Criação como o supremo poder, então agirão corretamente de acordo com a verdade. ATENÇÃO!!! TODOS OS TEXTOS ABAIXO Mat. 24:38 até Mat. 24:51 SÃO FALSOS E FORAM INVENTADOS PELO MENTIROSO SUPOSTAMENTE CHAMADO MATEUS!!!! NÃO EXISTEM NEM NUNCA EXISTIRAM NO TALMUD DE JMMANUEL. TRATAM-SE DE TEMAS QUE SÃO TOTALMENTE FORA DO CONTEXTO DA VERDADE QUE SIGNIFICA O TALMUD DE JMMANUEL. TEXTOS FALSOS FORAM ENCAIXADOS EM SEU EVANGELHO MENTIROSO!!! Mat. 24:38 Porquanto, assim como nos dias anteriores ao dilúvio, comiam, bebiam, casavam e davam-se em casamento, até o dia em que Noé entrou na arca, (Texto inventado pelo escriba/fariseu supostamente chamado Mateus!!! Texto sem nexo algum e fora de contexto) Mat. 24:39 e não o perceberam, até que veio o dilúvio, e os levou a todos; assim será também a vinda do Filho do homem. (Texto inventado pelo suposto autor/demente chamado, Mateus!!!) Mat. 24:40 Então, estando dois homens no campo, será levado um e deixado outro; (O suposto autor Mateus, falsificou a verdade! Mentiroso!!) Mat. 24:41 estando duas mulheres a trabalhar no moinho, será levada uma e deixada a outra (O suposto escriba/ falsificador Mateus alterou a verdade! Mentiroso!!). Mat. 24:42 Vigiai, pois, porque não sabeis em que dia vem o vosso Senhor; (O suposto escriba/ falsificador Mateus alterou a verdade! Mentiroso!!). Mat. 24:43 sabei, porém, isto: se o dono da casa soubesse a que vigília da noite havia de vir o ladrão, vigiaria e não deixaria minar a sua casa. (O suposto escriba/ falsificador Mateus alterou a verdade! Mentiroso!!). Mat. 24:44 Por isso ficai também vós apercebidos; porque numa hora em que não penseis, virá o Filho do homem. (O suposto escriba/ falsificador Mateus alterou a verdade! Mentiroso!!). Mat. 24:45 Quem é, pois, o servo fiel e prudente, que o senhor pôs sobre os seus serviçais, para a tempo dar-lhes o sustento? (O suposto escriba/ falsificador Mateus alterou a verdade! Mentiroso!!). Mat. 24:46 Bem-aventurado aquele servo a quem o seu senhor, quando vier, achar assim fazendo. (Texto falso! Inventado pelo suposto autor chamado Mateus!) Mat. 24:47 Em verdade vos digo que o porá sobre todos os seus bens. (Texto falso! Inventado pelo suposto autor chamado Mateus!) Mat. 24:48 Mas se aquele outro, o mau servo, disser no seu coração: Meu senhor tarda em vir, (Texto falso! Inventado pelo suposto autor chamado Mateus!) Mat. 24:49 e começar a espancar os seus conservos, e a comer e beber com os ébrios, (Texto falso! Inventado pelo suposto autor chamado Mateus!) 82

83 Mat. 24:50 virá o senhor daquele servo, num dia em que não o espera, e numa hora de que não sabe, (Texto falso! Inventado pelo suposto autor chamado Mateus!) Mat. 24:51 e cortá-lo-á pelo meio, e lhe dará a sua parte com os hipócritas; ali haverá choro e ranger de dentes. (Inventado pelo suposto autor Mateus, fariseu mentiroso, falsificador da verdade! Mentiroso!!) ATENÇÃO!!! TODOS OS TEXTOS ABAIXO Mat. 25:1 até Mat. 25:46 SÃO FALSOS E FORAM INVENTADOS PELO ESCRIBA MENTIROSO SUPOSTAMENTE CHAMADO MATEUS!!!! NÃO EXISTEM NEM NUNCA EXISTIRAM NO TALMUD DE JMMANUEL. TRATAM-SE DE TEMAS QUE SÃO TOTALMENTE FORA DO CONTEXTO DA VERDADE QUE SIGNIFICA O TALMUD DE JMMANUEL. TEXTOS FALSOS FORAM ENCAIXADOS EM SEU EVANGELHO MENTIROSO!!! Mat. 25:1 Então o reino dos céus será semelhante a dez virgens que, tomando as suas lâmpadas, saíram ao encontro do noivo. (Texto falso! Inventado pelo suposto autor chamado Mateus!) Mat. 25:2 Cinco delas eram insensatas, e cinco prudentes. (O suposto autor Mateus, falsificou o texto com inverdades! Mentiroso!!) Mat. 25:3 Ora, as insensatas, tomando as lâmpadas, não levaram azeite consigo. (O suposto autor Mateus, falsificou o texto com inverdades! Mentiroso!!) Mat. 25:4 As prudentes, porém, levaram azeite em suas vasilhas, juntamente com as lâmpadas. (O suposto autor Mateus, falsificou o texto com inverdades! Mentiroso!!) Mat. 25:5 E tardando o noivo, cochilaram todas, e dormiram. (O suposto autor Mateus, falsificou o texto com inverdades!mentiroso!!) Mat. 25:6 Mas à meia-noite ouviu-se um grito: Eis o noivo! saí-lhe ao encontro! (O suposto Mateus, falsificou o texto com inverdades!mentiroso!!) Mat. 25:7 Então todas aquelas virgens se levantaram, e prepararam as suas lâmpadas. Mat. 25:8 E as insensatas disseram às prudentes: Dai-nos do vosso azeite, porque as nossas lâmpadas estão se apagando. Mat. 25:9 Mas as prudentes responderam: não; pois de certo não chegaria para nós e para vós; ide antes aos que o vendem, e comprai-o para vós (Texto falso! Inventado pelo suposto autor chamado Mateus!). Mat. 25:10 E, tendo elas ido comprá-lo, chegou o noivo; e as que estavam preparadas entraram com ele para as bodas, e fechou-se a porta. Mat. 25:11 Depois vieram também as outras virgens, e disseram: Senhor, Senhor, abre-nos a porta. (Texto falso! Inventado pelo suposto autor chamado Mateus!) Mat. 25:12 Ele, porém, respondeu: Em verdade vos digo, não vos conheço. Mat. 25:13 Vigiai pois, porque não sabeis nem o dia nem a hora. Mat. 25:14 Porque é assim como um homem que, ausentando-se do país, chamou os seus servos e lhes entregou os seus bens: (Texto falso! Inventado pelo suposto autor chamado Mateus!) Mat. 25:15 a um deu cinco talentos, a outro dois, e a outro um, a cada um segundo a sua capacidade; e seguiu viagem. Mat. 25:16 O que recebera cinco talentos foi imediatamente negociar com eles, e ganhou outros cinco; Mat. 25:17 da mesma sorte, o que recebera dois ganhou outros dois; Mat. 25:18 mas o que recebera um foi e cavou na terra e escondeu o dinheiro do seu senhor. Mat. 25:19 Ora, depois de muito tempo veio o senhor daqueles servos, e fez contas com eles. Mat. 25:20 Então chegando o que recebera cinco talentos, apresentou-lhe outros cinco talentos, dizendo: Senhor, entregaste-me cinco talentos; eis aqui outros cinco que ganhei. Mat. 25:21 Disse-lhe o seu senhor: Muito bem, servo bom e fiel; sobre o pouco foste fiel, sobre muito te colocarei; entra no gozo do teu senhor. Mat. 25:22 Chegando também o que recebera dois talentos, disse: Senhor, entregaste-me dois talentos; eis aqui outros dois que ganhei. Mat. 25:23 Disse-lhe o seu senhor: Muito bem, servo bom e fiel; sobre o pouco foste fiel, sobre muito te colocarei; entra no gozo do teu senhor. 83

84 Mat. 25:24 Chegando por fim o que recebera um talento, disse: Senhor, eu te conhecia, que és um homem duro, que ceifas onde não semeaste, e recolhes onde não joeiraste; Mat. 25:25 e, atemorizado, fui esconder na terra o teu talento; eis aqui tens o que é teu. Mat. 25:26 Ao que lhe respondeu o seu senhor: Servo mau e preguiçoso, sabias que ceifo onde não semeei, e recolho onde não joeirei? Mat. 25:27 Devias então entregar o meu dinheiro aos banqueiros e, vindo eu, tê-lo-ia recebido com juros. Mat. 25:28 Tirai-lhe, pois, o talento e dai ao que tem os dez talentos. Mat. 25:29 Porque a todo o que tem, dar-se-lhe-á, e terá em abundância; mas ao que não tem, até aquilo que tem ser-lhe-á tirado. Mat. 25:30 E lançai o servo inútil nas trevas exteriores; ali haverá choro e ranger de dentes. Mat. 25:31 Quando, pois vier o Filho do homem na sua glória, e todos os anjos com ele, então se assentará no trono da sua glória; Mat. 25:32 e diante dele serão reunidas todas as nações; e ele separará uns dos outros, como o pastor separa as ovelhas dos cabritos; Mat. 25:33 e porá as ovelhas à sua direita, mas os cabritos à esquerda. Mat. 25:34 Então dirá o Rei aos que estiverem à sua direita: Vinde, benditos de meu Pai. Possuí por herança o reino que vos está preparado desde a fundação do mundo; Mat. 25:35 porque tive fome, e me destes de comer; tive sede, e me destes de beber; era forasteiro, e me acolhestes; Mat. 25:36 estava nu, e me vestistes; adoeci, e me visitastes; estava na prisão e fostes ver-me. Mat. 25:37 Então os justos lhe perguntarão: Senhor, quando te vimos com fome, e te demos de comer? ou com sede, e te demos de beber? Mat. 25:38 Quando te vimos forasteiro, e te acolhemos? ou nu, e te vestimos? Mat. 25:39 Quando te vimos enfermo, ou na prisão, e fomos visitar-te? Mat. 25:40 E responder-lhes-á o Rei: Em verdade vos digo que, sempre que o fizestes a um destes meus irmãos, mesmo dos mais pequeninos, a mim o fizestes. Mat. 25:41 Então dirá também aos que estiverem à sua esquerda: Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o Diabo e seus anjos; Mat. 25:42 porque tive fome, e não me destes de comer; tive sede, e não me destes de beber; Mat. 25:43 era forasteiro, e não me acolhestes; estava nu, e não me vestistes; enfermo, e na prisão, e não me visitastes. Mat. 25:44 Então também estes perguntarão: Senhor, quando te vimos com fome, ou com sede, ou forasteiro, ou nu, ou enfermo, ou na prisão, e não te servimos? Mat. 25:45 Ao que lhes responderá: Em verdade vos digo que, sempre que o deixaste de fazer a um destes mais pequeninos, deixastes de o fazer a mim. Mat. 25:46 E irão eles para o castigo eterno, mas os justos para a vida eterna. Capítulo 26 Leis e Mandamentos TJ 26:1 Já que as leis e mandamentos da Criação e as leis e mandamentos de deus estão em vigor, eles devem ser observados e respeitados. TJ 26:2 Assim como as leis e mandamentos da Criação são leis e mandamentos para o espírito e para a vida, assim também as leis e os mandamentos de deus são as leis e mandamentos para a vida material e as regras humanas. TJ 26:3 Deus emitiu as leis e mandamentos para servirem como regulamento da vida material e humana para aquilo que é correto, e também como guia para a vida. TJ 26:4 Portanto, as leis e mandamentos servem como caminhos sobre os quais os humanos devem caminhar. TJ 26:5 Portanto, como as leis e mandamentos da Criação e as leis e mandamentos de deus devem ser obedecidos, os humanos não devem criar nenhuma outra lei ou mandamento. 84

85 TJ 26:6 As leis e mandamentos da Criação e as leis e mandamentos de deus devem ser consideradas verdadeiras leis e mandamentos e devem ser seguidos, já que somente eles tem validade e retidão duradouros. TJ 26:7 Contudo, quando os humanos se desviam dessas leis e mandamentos, eles geram leis e mandamentos humanos ilógicos e inadequados que são baseados em falsas lógicas, e, portanto, são extremamente falhos. TJ 26:8 Quando os humanos são pusilânimes em consciência, as suas leis e mandamentos são pusilânimes também, e, portanto, elas assemelham-se a ensinamentos confusos. TJ 26:9 Quando os humanos são presunçosos e desrespeitam as leis e mandamentos da Criação e aqueles de deus, eles são forçados a criarem as suas próprias leis que, contudo, são falhas e levam as pessoas ao engano. TJ 26:10 Leis e mandamentos feitos pelo homem produzem o assassínio e todos os tipos de males e quando o mal se espalha e ganha o poder, o homem não mais possui controle sobre ele. TJ 26:11 Mandamentos e leis são válidos somente quando são oriundos da sabedoria, e, portanto, são lógicos, TJ 26:12 mas. a lógica requer sabedoria e conhecimento. TJ 26:13 As leis e os mandamentos humanos não possuem força, a não ser que sejam fundados sob as leis e mandamentos da Criação, assim como as leis e os mandamentos de deus são fundados sobre elas, e assim como as emitiu em sua sabedoria. Provérbios de Sabedoria TJ 26:14 Em verdade, eu vos digo, a sabedoria deve ser aprendida das leis da Criação as quais os humanos podem reconhecer na natureza. TJ 26:15 Mas se os humanos não pensarem e buscarem, não serão capazes de adquirirem sabedoria e permanecerão tolos. TJ 26:16 Os sábios não reclamam de coisas perdidas, a respeito dos mortos, ou eventos do passado. TJ 26:17 Mas os tolos, contudo, choram por coisas pelas quais não vale a pena chorar, e por isso aumentam a sua aflição, privação e miséria. TJ 26:18 Aqueles que adquiriram sabedoria suficiente e vivem de acordo com as leis, não permitem o menor dano que seja às criaturas, quando elas são sem falhas. TJ 26:19 Os débeis mentais e os tolos que não são mestres de seus sentidos confundem o dano com o benefício e o benefício com o dano e grande tristeza com a alegria. TJ 26:20 Porque as pessoas não são dedicadas à sabedoria e nem buscam o conhecimento e nem reconhecem as leis, acolhem em si a insensatez e o vício. TJ 26:21 O desonesto, o estúpido, o enfadado, o ganancioso, o inescrupuloso, o rude, e o irado sofrerão danos por serem pobres em consciência. TJ 26:22 Quando as pessoas devidamente recebem diariamente um pouco só de sabedoria em suas consciências, elas crescerão como a lua crescente durante a primeira metade do mês lunar. TJ 26:23 A sabedoria é o maior bem da humanidade, e assim também é o desejo criado, que é o senhor sobre o amor e a felicidade; mas tudo isso não significa nada sem o poder do espírito. TJ 26:24 Um tolo que ociosamente repousa e espera pelo destino irá à ruína, assim como um pote que não foi cozido na água. TJ 26:25 Aqueles que cuidam de uma vaca, recebem o leite, e assim também, aqueles que nutrem sabedoria e a aplicam através do poder do espírito produzem bons frutos. TJ 26:26 Reconhecei cada lei da Criação e uma vez que a tiverdes reconhecido apegai-vos a elas e viveis de acordo, porque as leis é que são a maior sabedoria. TJ 26:27 Não há olho igual a sabedoria, nem escuridão igual a ignorância, nem poder igual ao poder do espírito e nem terror igual a pobreza de consciência. TJ 26:28 Não há felicidade superior a sabedoria e nem amigo melhor que o conhecimento e nenhum outro salvador que o poder do espírito. TJ 26:29 Aqueles que possuem inteligência podem entender o meu discurso para que sejam sábios e inteligentes. 85

86 86 Os Falsos Ensinamentos de Saulo TJ 26:30 Quando Jmmanuel terminou seu discurso, vede, um homem chamado Saulo aproximou-se dele e disse: TJ 26:31 Tu pregas um novo ensinamento e me pareceu estranho desde o começo; parece tolo para mim e tua mente parece confusa. TJ 26:32 Mas Jmmanuel disse: Como podes me dizer que sou confuso na mente quando és tu quem estás confuso em consciência e não entendes? TJ 26:33 Em verdade, eu te digo: Embora tu és Saulo e tu persegues a mim e aos meus discípulos por causa dos meus ensinamentos, tu mudarás a tua mente. TJ 26:34 Daqui em diante serás chamado Paulo. Deverás viajar em todas as direções e farás reparações por teres chamado os meus ensinamentos de falsos e meu espírito de confuso. TJ 26:35 Carregarás grande carga de culpa sobre ti mesmo, por tua ignorância interpretarás erroneamente os meus ensinamentos e irás, portanto, pregá-los incorretamente. TJ 26:36 Teus discursos serão confusos, e as pessoas de todo o mundo serão escravizadas por eles e irão adorar uma falsa doutrina. TJ 26:37 Assim como irás enlaçar as terras dos gregos num culto religioso maligno por causa de teus falsos ensinamentos, assim tu me chamarás o Ungido em sua língua. TJ 26:38 Será tua a culpa, devido a tua falta de entendimento, que eles me chamarão de Jesus Cristo, que significa o Ungido. TJ 26:39 E será tua a culpa, devido a tua falta de entendimento, que sangue humano será derramado, por este nome, tanto que não poderá ser contido em todos os recipientes existentes. TJ 26:40 Tu ainda persegues a mim e aos meus discípulos por causa dos meus ensinamentos mas logo chegará o tempo quando tu irás mudar a tua mente, TJ 26:41 quando mais uma vez tu me encararás e considerarás que sou um fantasma. TJ 26:42 Em verdade, eu vos digo: Assim como muitos outros, serás grandemente culpado que os meus ensinamentos serão adulterados e os humanos irão estabelecer cultos religiosos errôneos. TJ 26:43 Tu, contudo, serás a pedra angular da loucura pela qual eu serei chamado de Jesus Cristo o redentor por um culto religioso enganoso. TJ 26:44 E Jmmanuel estava furioso, pegou um graveto e afugentou Saulo. TJ 26:45 Saulo, com os seus pensamentos cheios de vingança, juntou forças com Judá Ihariotes para que pudessem entregá-lo aos lacaios. Suicídio TJ 26:46 Uma vez em que Saulo havia partido, Jmmanuel reuniu os seus discípulos e disse à eles: Sabeis que a Páscoa chega daqui a dois dias, quando serei entregue aos tribunais para ser crucificado, como está destinado, para que eu continue a aprender. TJ 26:47 Meu traidor será Judá Ihariotes, filho de Simão, o Fariseu, porque ele está interessado apenas em ouro, prata, mercadorias, e posses. TJ 26:48 Ele irá me trair por trinta peças de prata, pois foi enganado pela ganância de seu pai. TJ 26:49 Mas sua alegria pelas peças de prata não durará muito porque sua mente é volúvel e instável, e ele logo sentira a culpa. TJ 26:50 Já que Judá Ihariotes não tem coragem e possui pouco conhecimento, ele porá sua faixa de cintura em torno do pescoço e se enforcará num galho. TJ 26:51 Em verdade, em verdade, eu vos digo: Embora o suicídio de Judá Ihariotes pareça justo é, entretanto, injusto. TJ 26:52 Embora os humanos possuam o livre arbítrio para exercerem autoridade sobre si mesmos, eles não tem o direito de decidirem sobre a vida e a morte. TJ 26:53 A intenção das leis é para que os humanos vivam as suas vidas até o seu declínio final, de modo que desta maneira eles possam aperfeiçoar os seus espíritos. TJ 26:54 Mas aqueles que julgam a si mesmos por meio do suicídio, desviam-se das leis e violam os planos e as leis da Criação.

87 TJ 26:55 Percebeis com isso que os humanos não possuem o direito de se assentarem em julgamento sobre suas próprias vidas e mortes. TJ 26:56 Eles possuem apenas o direito de exercerem a sua autoridade sobre a conduta de suas vidas, e não de decidirem sobre a própria vida, e portanto, sobre a morte. TJ 26:57 As leis dizem que nenhum evento ou situação justifica o suicídio, e isto inclui o suicídio executado por uma outra pessoa, tal como um assassino de aluguel ou matador misericordioso. TJ 26:58 Apesar de quanta culpa possa incorrer a uma pessoa, ou quão pesada seja a sua carga ou fardo, ela, contudo, não tem o direito de determinar a sua própria morte. TJ 26:59 Embora Judá Ihariotes tenha grande culpa, ele não tem o direito de tomar a justiça em suas próprias mãos e decidir sobre a vida e sua morte. TJ 26:60 Cada culpa e cada erro é um caminho para o entendimento pelos quais a consciência e o espírito são aperfeiçoados. TJ 26:61 Mas se uma pessoa foge da culpa ou do erro cometendo suicídio, ela foge da consciência e da responsabilidade e deve aprender a ser consciente em uma outra vida. TJ 26:62 Portanto, o processo de aperfeiçoamento da consciência e do espírito é adiado, o que não é o desejo da Criação. TJ 26:63 De qualquer maneira, o suicídio é para ser considerado um deplorável ato de covardia e insensível irreverência às leis e os mandamentos da Criação. Capítulo 27 A Agitação dos Discípulos TJ 27:1 Após Jmmanuel ter terminado de falar, os discípulos se tornaram agitados e disseram: Por que não capturamos Judá Ihariotes e o apedrejamos assim ele não poderá te trair? TJ 27:2 Mas Jmmanuel estava irado e disse: Não sabeis o que diz a lei: Não matareis em degeneração e não sabeis o que profetizei para vós, que eu deverei ser crucificado de modo a obter uma percepção especial? TJ 27:3 Como ousais desrespeitar o cumprimento da lei, pois assim foi dada, e tem essa a intenção. TJ 27:4 Assim como eu caminho em minha senda, cada pessoa deve caminhar em sua senda. TJ 27:5 Em verdade, eu vos digo, se não fosse para eu seguir o meu destino, como poderia eu estar em posição de cumprir minha missão, que me levará até a Índia? TJ 27:6 Oh, vós, a quem faltais a coragem e o conhecimento. Eu certamente vos instrui em verdade e ainda assim vós não a reconheceis! TJ 27:7 Como pode ainda ser inconcebível para vós que após minha partida os meus ensinamentos serão adulterados por vós e serão disseminados em todas as direções como ensinamentos errôneos e cultos religiosos errôneos? TJ 27:8 Por causa do que fareis, o mundo irá ressoar com a má orientação e os falsos ensinamentos. TJ 27:9 Muitos dentre vós sereis os culpados pela humanidade não reconhecer a verdade, embora eu, com certeza, vos ensinei-a. TJ 27:10 Haverá grandes reverberações no mundo no que diz respeito aos vossos falsos ensinamentos, que vós espalhareis. TJ 27:11 Claramente não entendestes as palavras de conhecimento, e daí a verdade de meus ensinamentos. TJ 27:12 Sois acometidos com a cegueira, assim como os legítimos povos desta terra que são mantidos na escuridão e na opressão pelos israelitas, exatamente como previram os profetas para este povo, porque eles se esqueceram dos princípios da verdade, como os israelitas que pilharam esta terra e desde então dominam e oprimem os seus legítimos donos. TJ 27:13 Eu cumpri minha missão entre esta raça. Mas devido a culpa dos israelitas e os seus falsos ensinamentos eu fui incapaz de ensinar qualquer razão à esta população, já que seu pensamento é irracional por causa dos ensinamentos confusos e enganosos. Eu partirei, portanto, de modo que os ensinamentos da verdade possam ser levados para as duas outras populações no Norte e no Leste. TJ 27:14 Assim como os legítimos dono da terra, que são governados pelo regime dos israelitas, existem sob a orientação de deus, assim também o são os outros dois povos sob ele. Eles são os 87

88 povos das altas terras no Norte onde o frio e o gelo reinam nas terras da Índia, porque ele, deus, é o senhor destas três populações humanas. TJ 27:15 Como profeta, eu retornei ao mundo, dos reinos de Arahat Athersata, fui enviado para cá pela vontade de deus para instruir às três populações humanas nos novos ensinamentos transmitidos da verdade.* TJ 27:16 Portanto, eu devo caminhar em minha senda como foi predestinado por Arahat Athersata e solicitado por deus, já que eu sirvo aos desejos de deus e suas leis, assim como o próprio deus serve às leis da Criação. *Arahat Athersata: O nível mais inferior de puro-espírito, que segue em seqüência como nível de puro-espírito após o nível do Alto Conselho e, portanto, é o primeiro nível de puro-espírito, no qual o humano não mais necessita de um corpo físico. Algumas informações específicas a respeito do nível Arahat Athersata: Como sendo o primeiro nível de puro-espírito está em evidência apenas na conexão com outros mensageiros/profetas por todo o Universo. Esta conexão é única porque Nokodemjon/Enoque retornou do nível de Arahat Athersata num corpo humano e tem que progredir por meio de seu curso evolucionário mais uma vez. ATENÇÃO!!! TODOS OS TEXTOS ABAIXO Mat. 26:1 até Mat. 26:5 SÃO FALSOS E FORAM INVENTADOS PELO MENTIROSO SUPOSTAMENTE CHAMADO MATEUS!!!! NÃO EXISTEM NEM NUNCA EXISTIRAM NO TALMUD DE JMMANUEL. TRATAM-SE DE TEMAS QUE SÃO TOTALMENTE FORA DO CONTEXTO DA VERDADE QUE SIGNIFICA O TALMUD DE JMMANUEL. TEXTOS FALSOS FORAM ENCAIXADOS EM SEU EVANGELHO MENTIROSO!!! Mat. 26:1 E havendo Jesus concluído todas estas palavras, disse aos seus discípulos: (O suposto Mateus mentiu nesta passagem! Quais palavras Mateus se referia??? Mateus não mencionou nem o Capitulo 26 e nem o Capitulo 27 do Talmud de Jmmanuel! Faltam diálogos inteiros por isso ele menciona concluído todas essas palavras, ou seja Capitulos 26 e 27 do Talmud de Jmmanuel inteiros) Mat. 26:2 Sabeis que daqui a dois dias é a páscoa; e o Filho do homem será entregue para ser crucificado. Mat. 26:3 Então os principais sacerdotes e os anciãos do povo se reuniram no pátio da casa do sumo sacerdote, o qual se chamava Caifás; Mat. 26:4 e deliberaram como prender Jesus a traição, e o matar. Mat. 26:5 Mas diziam: Não durante a festa, para que não haja tumulto entre o povo.. Em Betânia TJ 27:17 E Jmmanuel terminou a sua fala e partiu para Betânia e para a casa de Simão, o leproso. Mat. 26:6 Estando Jesus em Betânia, em casa de Simão, o leproso, TJ 27:18 Vede! Uma mulher veio até ele com um vidro de água preciosa, a qual ela derramou sobre sua cabeça enquanto ele estava assentado à mesa. Mat. 26:7 aproximou-se dele uma mulher que trazia um vaso de alabastro cheio de bálsamo precioso, e lho derramou sobre a cabeça, estando ele reclinado à mesa. TJ 27:19 Quando os seus discípulos viram isso ficaram irados e indignados e disseram: Qual é o benefício deste desperdício? Mat. 26:8 Quando os discípulos viram isso, indignaram-se, e disseram: Para que este desperdício? TJ 27:20 Esta água poderia ter sido vendida por um alto preço e o lucro ser usado para os pobres. Mat. 26:9 Pois este bálsamo podia ser vendido por muito dinheiro, que se daria aos pobres. TJ 27:21 Mas quando Jmmanuel ouviu isso, ele ralhou os seus discípulos e disse: Por que afligis a mulher? Mat. 26:10 Jesus, porém, percebendo isso, disse-lhes: Por que molestais esta mulher? pois praticou uma boa ação para comigo. TJ 27:22 Ela praticou uma boa ação para comigo porque confia em meus ensinamentos. Deste modo ela demonstrou a sua gratidão, e nada é tão caro para ela. 88

89 Mat. 26:11 Porquanto os pobres sempre os tendes convosco; a mim, porém, nem sempre me tendes. TJ 27:23 Esta mulher tornou-se sábia e vive de acordo com as leis da Criação. Portanto me agradece com a água preciosa. Mat. 26:12 Ora, derramando ela este bálsamo sobre o meu corpo, fê-lo a fim de preparar-me para a minha sepultura. (O suposto Mateus mentiu! Falsificador da verdade!!!) TJ 27:24 Sua gratidão será eterna, e de agora em diante seu ato será conhecido por todo o mundo. TJ 27:25 Em verdade, eu vos digo: Onde quer que os meus ensinamentos sejam pregados por todo o mundo, sejam falsos ou verdadeiros, as pessoas irão se lembrar do que ela fez. Mat. 26:13 Em verdade vos digo que onde quer que for pregado em todo o mundo este evangelho, também o que ela fez será contado para memória sua. TJ 27:26 Assim como ela será lembrada por muito tempo, assim um falso ensinamento será lembrado e que insulta um dentre vós de me trair. TJ 27:27 Enquanto estamos aqui juntos, Judá Ihariotes, o filho do Fariseu, em Jerusalém, está tramando um plano maligno contra mim para que ele possa me trair para os principais sacerdotes. Mat. 26:14 Então um dos doze, chamado Judas Iscariotes, foi ter com os principais sacerdotes, (O suposto Mateus, falsificou o texto com inverdades! Mentiroso!!!) TJ 27:28 Neste exato momento, enquanto estamos reunidos aqui, ele está pedindo aos principais sacerdotes pelo dinheiro de sangue que eles oferecem por minha captura. TJ 27:29 Trinta peças de prata estão sendo oferecidas à ele caso eles me capturem por meio de sua ajuda. Mat. 26:15 e disse: Que me quereis dar, e eu vo-lo entregarei? E eles lhe pesaram trinta moedas de prata. TJ 27:30 Enquanto eles forjam este plano, eles também estão tramando um plano contra um de vós, pois desejam apresentar um culpado para o povo. Mat. 26:16 E desde então buscava ele oportunidade para o entregar. TJ 27:31 Enquanto Judá Ihariotes, o filho do Fariseu, me entregará aos lacaios, meu discípulo Judas Iscariotes será considerado o traidor, TJ 27:32 de modo que a mensagem para o povo será: Vede, estes tolos estão divididos entre si de modo que um trai o outro. Como podem então, os ensinamentos de Jmmanuel conter qualquer verdade? TJ 27:33 Mas já que Judá Ihariotes, o filho do Fariseu, e meu discípulo, Judas Iscariotes, possuem nomes quase idênticos, a mentira dos principais sacerdotes será aceita desde o princípio. A Última Refeição TJ 27:34 No primeiro dia dos Pães Ázimos, Jmmanuel falou aos seus discípulos. Ide até a cidade até um bom amigo meu chamado Aarão e dizei à ele: Jmmanuel te diz: Eu quero ter uma última refeição com os meus discípulos em tua casa, porque, vês, a Festa da Páscoa está próxima. Mat. 26:17 Ora, no primeiro dia dos pães ázimos, vieram os discípulos a Jesus, e perguntaram: Onde queres que façamos os preparativos para comeres a páscoa? Mat. 26:18 Respondeu ele: Ide à cidade a um certo homem, e dizei-lhe: O Mestre diz: O meu tempo está próximo; em tua casa celebrarei a páscoa com os meus discípulos. TJ 27:35 E os discípulos fizeram como Jmmanuel os ordenara; e eles prepararam a refeição junto com Aarão e sua esposa, em sua casa. Mat. 26:19 E os discípulos fizeram como Jesus lhes ordenara, e prepararam a páscoa. TJ 27:36 Quando se assentaram e comiam, ele disse: Vede, se aproxima o tempo quando eu terei que tomar o pesado fardo sobre mim mesmo. Mat. 26:20 Ao anoitecer reclinou-se à mesa com os doze discípulos; TJ 27:37 É certo, eu irei ao longo de meu caminho destinado, assim como está escrito pelos profetas; contudo, eu estarei apenas quase morto e suportarei muita dor. Mat. 24:21 e, enquanto comiam, disse: Em verdade vos digo que um de vós me trairá. (O suposto Mateus caluniou e mentiu! Tuas palavras são falsas!) 89

90 TJ 27:38 Em verdade, eu vos digo, de agora em diante eu não mais beberei do fruto da vinha nem comerei do grão do pão até o dia em que eu beber e comer novamente convosco após a minha provação. Mat. 26:29 Mas digo-vos que desde agora não mais beberei deste fruto da videira até aquele dia em que convosco o beba novo, no reino de meu Pai. (O suposto Mateus, falsificou a verdade!! Suas palavras são falsas! O texto é uma simples redação falsa!) Mat. 26:22 E eles, profundamente contristados, começaram cada um a perguntar-lhe: Porventura sou eu, Senhor? (O suposto Mateus mentiu. Falsificador da verdade!! Tuas palavras são falsas!) Mat. 24:23 Respondeu ele: O que mete comigo a mão no prato, esse me trairá. (As palavras nesta passagem não são verdadeiras. São mentiras criadas pelo suposto autor Mateus!) Mat. 24:24 Em verdade o Filho do homem vai, conforme está escrito a seu respeito; mas ai daquele por quem o Filho do homem é traido! bom seria para esse homem se não houvera nascido. (Invetnado pelo suposto autor Mateus., Falsificador da verdade!! Suas palavras são falsas!). Mat. 24:25 Também Judas, que o traía, perguntou: Porventura sou eu, Rabí? Respondeu-lhe Jesus: Tu o disseste. (O suposto Mateus, Demente Mentiroso, Falsificador da verdade!! Suas palavras são falsas!) TJ 27:39 Assim será quando eu me levantar da quase morte e tiver deitado na sepultura por três dias e três noites. TJ 27:40 Enquanto comia, Jmmanuel pegou o pão, partiu-o e entregou-o aos discípulos, dizendo: Pegai e comei, o corpo necessita de nutrição mesmo nos tempos de angústia e aflição. Mat. 26:26 Enquanto comiam, Jesus tomou o pão e, abençoando-o, o partiu e o deu aos discípulos, dizendo: Tomai, comei; isto é o meu corpo. (O suposto autor Mateus prega o canibalismo neste texto!) TJ 27:41 E ele pegou o copo, entregou-o à eles e disse: Bebei deste copo, todos vós; a garganta se torna sedenta mesmo num dia chuvoso e frio. Mat. 26:27 E tomando um cálice, rendeu graças e deu-lho, dizendo: Bebei dele todos; Mat. 26:28 pois isto é o meu sangue, o sangue do pacto, o qual é derramado por muitos para remissão dos pecados. (O suposto autor Mateus fariseu canibal e bebedor de sangue humano!!!) TJ 27:42 Em verdade, eu vos digo, uma pessoa sábia não sente fome e sede por causa de coisas que devam acontecer. TJ 27:43 Mas um tolo sente fome e sede por causa da estupidez e dissensão contra coisas que deverão acontecer. Mat. 26:30 E tendo cantado um hino, saíram para o Monte das Oliveiras. (O suposto autor Mateus inventou este texto falso. Não existiu nada de hinos ou cantico de louvor Pura tolice!) TJ 27:44 E, em verdade, eu vos digo, assim como vós não entendeis agora as minhas palavras e estais irados comigo por causa delas, assim estareis irados comigo esta noite, porque as vossas mentes ainda não foram iluminadas com conhecimento. Mat. 26:31 Então Jesus lhes disse: Todos vós esta noite vos escandalizareis de mim; pois está escrito: Ferirei o pastor, e as ovelhas do rebanho se dispersarão. (O suposto autor Mateus inventou este texto falso! Totalmente fora de contexto com a verdade de Jmmanuel!) TJ 27:45 Mas após eu me levantar da quase morte e parecer ter levantado dos mortos para fora da sepultura, eu caminharei adiante de vós para a Galiléia, para que vós possais reconhecer a verdade de minhas palavras. Mat. 26:32 Todavia, depois que eu ressurgir, irei adiante de vós para a Galiléia. TJ 27:46 Eu vos ensinei conhecimento e verdade, Mas vós ainda duvidais e desconfiais de mim. TJ 27:47 Oh, vós que sois sem coragem e de pouca fé, o quão espantados e confusos ficareis quando me encontrareis de novo após a minha quase morte. TJ 27:48 Mas Pedro respondeu-lhe dizendo: Mesmo se todos eles se irassem contigo, eu nunca me iraria. Mat. 26:33 Mas Pedro, respondendo, disse-lhe: Ainda que todos se escandalizem de ti, eu nunca me escandalizarei. TJ 27:49 Jmmanuel, contudo, respondeu: Em verdade, eu te digo, tu és um dos piores, porque esta noite antes do galo cantar tu irás me negar três vezes. 90

91 Mat. 26:34 Disse-lhe Jesus: Em verdade te digo que esta noite, antes que o galo cante três vezes me negarás. TJ 27:50 Mas Pedro contradizendo-o, disse: Isso nunca acontecerá, mesmo se eu fosse forçado a morrer contigo, eu jamais te negaria. Mat. 26:35 Respondeu-lhe Pedro: Ainda que me seja necessário morrer contigo, de modo algum te negarei. E o mesmo disseram todos os discípulos. TJ 27:51 E assim disseram todos os seus discípulos, e assim falharam em não confiar nas palavras de Jmmanuel. Capítulo 28 No Getsêmani TJ 28:1 Então eles deixaram a casa de Aarão e sua esposa em Jerusalém, Jmmanuel foi com os seus discípulos para uma fazenda no interior chamada Getsêmani, que pertencia à um homem chamado Josué que pensava bem de Jmmanuel. Mat. 26:36 Então foi Jesus com eles a um lugar chamado Getsêmani, e disse aos discípulos: Sentaivos aqui, enquanto eu vou ali orar. TJ 28:2 Num grande jardim na fazenda ele falou aos seus discípulos: Assentai-vos aqui enquanto vou até ali e refletir meus pensamentos. TJ 28:3 Ele levou consigo Pedro e os dois filhos de Zebedeu e começou a ficar preocupado e apreensivo, porque estava amedrontado e alarmando com o que iria lhe acontecer. Mat. 26:37 E levando consigo Pedro e os dois filhos de Zebedeu, começou a entristecer-se e a angustiar-se. TJ 28:4 E ele falou à eles: Vede! Com certeza eu sou sábio e possuo grande conhecimento, Mas eu tenho medo dos eventos diante de mim, os conhecidos e os desconhecidos. Contudo, esta é a natureza dos humanos, mesmo quando são instruídos e sábios. TJ 28:5 Minha mente está mortalmente afligida; ficai aqui, portanto, e vigiai comigo para que eu não me sinta tão sozinho. Mat. 26:38 Então lhes disse: A minha alma está triste até a morte; ficai aqui e vigiai comigo. TJ 28:6 É mais fácil suportar a adversidade com um ou dois outros ao seu lado do que sozinho. TJ 28:7 Se o destino assim desejar, este cálice se afastará de mim; não é a minha vontade mas meu desejo será realizado de acordo com o destino, porque isto é o que foi destinado para mim. Mat. 26:39 E adiantando-se um pouco, prostrou-se com o rosto em terra e orou, dizendo: Meu Pai, se é possível, passa de mim este cálice; todavia, não seja como eu quero, mas como tu queres. TJ 28:8 Quando assim falou: Judas Iscariotes juntou-se à ele e disse: Ouves o que eu tenho a dizer. As coisas lá estão acontecendo nas sombras das muralhas, onde eu acabei de perceber luzes encobertas. TJ 28:9 Mas Jmmanuel disse: Eles devem ser os lacaios que Judá Ihariotes está trazendo porque secretamente nos seguiu até aqui de modo a me trair. TJ 28:10 E ele afastou-se a uma curta distância, prostrou-se e refletiu dizendo: Se for possível, que este cálice possa ser afastado de mim, que não se realize a minha vontade, mas sim que a lei do destino seja realizada, para que então eu possa ser iluminado neste segredo em que eu devo sondar. TJ 28:11 Retornando aos seus discípulos ele os encontrou dormindo, e então ele disse para Pedro: Não podes vigiar comigo por uma hora, para que eu não seja deixado só em minha hora difícil? Mat. 26:40 Voltando para os discípulos, achou-os dormindo; e disse a Pedro: Assim nem uma hora pudestes vigiar comigo? TJ 28:12 Sejais despertos e grandes em espírito e em consciência para que então não caiais como presas da tentação: O espírito deseja, mas a carne é fraca. Mat. 26:41 Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito, na verdade, está pronto, mas a carne é fraca. 91

92 TJ 28:13 Uma segunda vez ele se afastou, prostrou-se e disse: Se não for possível afastar de mim este cálice, então eu o beberei para que eu possa ser iluminado neste segredo e capaz de cumprir a minha missão em terras distantes e por todos os tempos futuros. Mat. 26:42 Retirando-se mais uma vez, orou, dizendo: Pai meu, se este cálice não pode passar sem que eu o beba, faça-se a tua vontade. TJ 28:14 Ao retornar, ele encontrou os discípulos dormindo novamente, e somente Judas Iscariotes permaneceu acordado com ele. Mat. 26:43 E, voltando outra vez, achou-os dormindo, porque seus olhos estavam carregados. TJ 28:15 E deixando-os mais uma vez, ele se afastou e prostrando-se pela terceira vez preocupado em amargura e disse: Estou preocupado e com medo, embora eu saiba que tenho que seguir o meu caminho, o qual está destinado para mim. Mat. 26:44 Deixando-os novamente, foi orar terceira vez, repetindo as mesmas palavras. TJ 28:16 Quão desejoso é o espírito e quão fraca é a carne quando se está com tanto medo da dor! TJ 28:17 E seu corpo inteiro tremia, e finas gotículas de suor, como sangue, escorria por sobre ele todo pois estava com muito medo e aterrorizado. TJ 28:18 Com o rosto ruborizado, ele retornou aos seus discípulos e disse à eles: Quereis dormir e descansar agora, ou quereis vigiar comigo? Vede! Chegou a hora em que eu devo ser entregue nas mãos dos lacaios. Mat. 26:45 Então voltou para os discípulos e disse-lhes: Dormi agora e descansai. Eis que é chegada a hora, e o Filho do homem está sendo entregue nas mãos dos pecadores. (Texto FALSO criado pela mente de uma pessoa fanática e mentirosa supostamente chamada Mateus) TJ 28:19 Então levantai-vos e partamo-nos porque, vede, os lacaios estão chegando. Mar. 26:46 Levantai-vos, vamo-nos; eis que é chegado aquele que me trai. (O suposto Mateus caluniador e falsificador da verdade inventou este texto!) A Captura TJ 28:20 Enquanto ele ainda falava, vede! Chegou Judá Ihariotes, o filho do Fariseu, e com ele um grande grupo de principais sacerdotes e anciãos do povo, armados com espadas e varas. Mat. 26:47 E estando ele ainda a falar, eis que veio Judas, um dos doze, e com ele grande multidão com espadas e varapaus, vinda da parte dos principais sacerdotes e dos anciãos do povo. TJ 28:21 Judá Ihariotes havia lhes dado um sinal, dizendo: Vede! Eu irei bajulá-lo e o enganarei fazendo-o pensar que eu me arrependi dos pecados de minha vida. Mat. 26:48 Ora, o que o traía lhes havia dado um sinal, dizendo: Aquele que eu beijar, esse é: prendei-o. TJ 28:22 Como sinal da falsa bajulação haverá um beijo. E, vede! Aquele em que eu beijar, este é ele; agarrem-no. TJ 28:23 Ele então se aproximou de Jmmanuel e disse: Eu te saúdo Mestre, eu seguirei agora os teus ensinamentos, pois tu me permitistes arrepender-me do que fiz durante minha antiga vida. Mat. 26:49 E logo, aproximando-se de Jesus disse: Salve, Rabi. E o beijou. TJ 28:24 Então ele tocou Jmmanuel e deu o beijo da traição. TJ 28:25 Mas Jmmanuel disse à ele: Meu amigo, por que vieste mentir para mim quando a traição arde em tua mente e em tuas ações? Mat. 26:50 Jesus, porém, lhe disse: Amigo, a que vieste? Nisto, aproximando-se eles, lançaram mão de Jesus, e o prenderam. TJ 28:26 Os lacaios então vieram até Jmmanuel, puseram suas mãos nele e o agarraram. TJ 28:27 E vede! Um dos lacaios do grupo pensou melhor, teve uma rápida mudança de idéia, e sentindo-se com remorso ficou do lado de Jmmanuel. Mat. 26:51 E eis que um dos que estavam com Jesus, estendendo a mão, puxou da espada e, ferindo o servo do sumo sacerdote, cortou-lhe uma orelha. (O suposto autor Mateus alterou o texto nesta passagem que não diz a verdade!) TJ 28:28 Ele estendeu a sua mão, desembainhou a sua espada e atingiu um criado de um principal sacerdote, cortando-lhe a sua orelha. 92

93 TJ 28:29 Então Jmmanuel disse ao homem: Ponha de volta a tua espada em sua bainha, porque qualquer um que saca de sua espada sem que esteja em perigo perecerá pela espada. Mat. 26:52 Então Jesus lhe disse: Mete a tua espada no seu lugar; porque todos os que lançarem mão da espada, à espada morrerão. TJ 28:30 Ou pensas que eu não poderia ter fugido antes que o teu grupo chegasse? Mat. 26:53 Ou pensas tu que eu não poderia rogar a meu Pai, e que ele não me mandaria agora mesmo mais de doze legiões de anjos? (O suposto Mateus inventou este texto falso!) TJ 28:31 Mas como poderia eu cumprir o meu destino se assim eu tivesse feito? Mat. 26:54 Como, pois, se cumpririam as Escrituras, que dizem que assim convém que aconteça? TJ 28:32 E o homem virou-se e chorou, então fugiu e nunca mais foi visto novamente. TJ 28:33 E então Jmmanuel disse aos lacaios: Viestes aqui com espadas e varas para me capturar como se eu fosse um assassino. Mat. 26:55 Disse Jesus à multidão naquela hora: Saístes com espadas e varapaus para me prender, como a um salteador? Todos os dias estava eu sentado no templo ensinando, e não me prendestes. TJ 28:34 Como teria sido fácil para vós me capturar na cidade enquanto eu me assentava no templo, ensinando diariamente e ainda assim vós não me agarrastes. TJ 28:35 Hipócritas! Vós estivestes sem dúvida com medo do povo, portanto, viestes a mim como ladrões na escuridão para que pudésseis jogar-me na prisão longe das vistas do povo. TJ 28:36 Em verdade, eu vos digo, a escuridão se transformará em luz, e todos falarão de vossos atos pelos quais sereis denunciados por todos os tempos que virão. TJ 28:37 Mas então, Simão, o Fariseu, levantou a sua voz e disse: Que tolice é a tua fala e tão cheia de mentiras. Por que deveríamos de temer o povo? TJ 28:38 Tu ensinaste o povo falsamente, desprezaste as nossas leis e chamou-as de mentiras; então por isso deves agora sofrer. TJ 28:39 Pensaste que não iríamos capturá-lo e levá-lo à julgamento mas estiveste enganado. TJ 28:40 Um daqueles que estava contigo não era de suas idéias e te traiu por trinta peças de prata a saber, Judas Iscariotes. TJ 28:41 Jmmanuel respondeu dizendo: em verdade, eu vos digo, por um longo tempo sereis bem sucedido em acusardes Judas Iscariotes como meu traidor diante do povo, mas a verdade surgirá e será conhecida por todas as pessoas pelo mundo inteiro. TJ 28:42 A saber, que o meu traidor não é Judas Iscariotes mas vosso filho, Judá Ihariotes, que possui o nome de seu pai, o Fariseu. TJ 28:43 Simão Ihariotes, o Fariseu, estava furioso, aproximou-se e golpeou Jmmanuel no rosto com o seu punho, pois temia as suas palavras verdadeiras. TJ 28:44 Após isso ter acontecido, os discípulos temerosos e desencorajados, afastaram-se de Jmmanuel e fugiram. Mat. 26:56 Mas tudo isso aconteceu para que se cumprissem as Escrituras dos profetas. Então todos os discípulos, deixando-o fugiram. (O suposto autor Mateus mentiu nesta passagem. A passagem não é verdadeira!) TJ 28:45 Aqueles que haviam agarrado Jmmanuel levaram-no para Caifás, o sumo sacerdote, onde os escribas, Fariseus, e os anciãos do povo haviam se reunido para lhe passar julgamento. Mat. 26:57 Aqueles que prenderam a Jesus levaram-no à presença do sumo sacerdote Caifás, onde os escribas e os anciãos estavam reunidos. Jmmanuel diante do Alto Conselho TJ 28:46 Os principais sacerdotes, contudo, e os alto conselheiros procuraram falso testemunho contra Jmmanuel, para que pudessem condená-lo a morte. Mat. 26:59 Ora, os principais sacerdotes e todo o sinédrio buscavam falso testemunho contra Jesus, para poderem entregá-lo à morte; TJ 28:47 E, embora muitas testemunhas falsas e subornadas apareceram, mas eles foram incapazes de encontrar qualquer falsa testemunha. TJ 28:48 Finalmente, duas se apresentaram e disseram: Ele disse que Deus não é a Criação, mas simplesmente um homem como eu e vós. 93

94 Mat. 26:60 e não achavam, apesar de se apresentarem muitas testemunhas falsas. Mas por fim compareceram duas, TJ 28:49 Ele disse também, que foi gerado por um anjo guardião de Deus, com o nome de Gabrjel. Mat. 26:61 e disseram: Este disse: Posso destruir o santuário de Deus, e reedificá-lo em três dias. (O suposto autor Mateus falsificou o texto com inverdades! Mentiroso! Hipócrita!) TJ 28:50 Caifás, o sumo sacerdote, levantou-se e disse à Jmmanuel: Não responderás o que estes dois testemunham contra ti? Mat. 26:62 Levantou-se então o sumo sacerdote e perguntou-lhe: Nada respondes? Que é que estes depõem contra ti? TJ 28:51 Mas Jmmanuel permaneceu em silêncio e sorriu bondosamente; então, o sumo sacerdote falou para ele: Eu te imploro, em nome do Deus vivo, que nos diga se foste gerado pelo anjo Gabrjel, que é um anjo de Deus, como atestam as escrituras! Mat. 26:63 Jesus, porém, guardava silêncio. E o sumo sacerdote disse-lhe: Conjuro-te pelo Deus vivo que nos digas se tu és o Cristo, o Filho do Deus (Texto falso!). TJ 28:52 E Jmmanuel respondeu: Assim tu disseste, mas eu também te digo que deus não é a Criação; em vez disso, ele é o senhor das três linhagens humanas que foram geradas na Terra por sua vontade; Mat. 26:64 Repondeu-lhe Jesus: É como disseste; contudo vos digo que vereis em breve o Filho do homem assentado à direita do Poder, e vindo sobre as nuvens do céu. (O suposto autor/ falsiificador Mateus inventou/redigiu este texto completamente falso!) TJ 28:53 deus veio da vastidão do Universo e ele trouxe o mundo sob a sua vontade; portanto, ele é o supremo imperador destas três populações humanas. TJ 28:54 Uma delas está aqui neste país, que vós privastes de seu direito e o subjugastes; a outra está no oriente na distante terra da Índia, e a terceira está no norte na terra do rei com chifres próxima ao mar onde montanhas de gelo flutuam na água. TJ 28:55 Existem sete linhagens humanas vivendo em todas as direções do vento, de um extremo da Terra ao outro; TJ 28:56 deus é o senhor de todas elas também, embora elas sirvam à outros deuses que também não são desta Terra. TJ 28:57 Se considerais que deus é a Criação, estais enganados e cometeis um sacrilégio contra a verdade. TJ 28:58 Assim como sois humanos como eu sou, assim também deus é humano, exceto que em espírito e consciência ele é muito mais avançado que as linhagens humanas procriadas por ele; TJ 28:59 deus e seus filhos celestiais são outras linhagens humanas que vieram das estrelas, das profundezas do espaço; em suas máquinas de metal. TJ 28:60 A Criação é imensurávelmente superior a deus e seus filhos celestiais, que são os anjos guardiões. TJ 28:61 Somente a Criação é o incalculável mistério que gera a vida, portanto, está imensurávelmente acima de deus e, na verdade, de toda a vida. TJ 28:62 Reconhecei a verdade deste ensinamento, para que possais obter conhecimento e sabedoria em verdade. TJ 28:63 Nisso, Caifás, o sumo sacerdote, rasgou as suas vestes e falou com raiva: Ele blasfemou contra Deus, o Criador. Por que precisaríamos de mais testemunho contra ele? Vede! Agora ouvistes a sua blasfêmia por vós mesmos. Mat. 26:65 Então o sumo sacerdote rasgou as suas vestes, dizendo: Blasfemou; para que precisamos ainda de testemunhas? Eis que agora acabais de ouvir a sua blasfêmia. TJ 28:64 Qual punição achais que ele merece? Mat. 26:66 Que vos parece? Responderam eles: É réu de morte. TJ 28:65 E eles responderam dizendo: Ele merece a morte. TJ 28:66 Então, bateram nele com seus punhos e cuspiram em sua face. Mat. 26:67 Então uns lhe cuspiram no rosto e lhe deram socos; TJ 28:67 E alguns deles o golpeavam por trás, e diziam: Profetiza-nos grande rei da sabedoria e filho de um filho celestial, quem é que está te batendo? Mat. 26:68 e outros o esbofetearam, dizendo: Profetiza-nos, ó Cristo, quem foi que te bateu? 94

95 TJ 28:68 Pedro havia seguido Jmmanuel e o grupo, e escondeu-se entre as pessoas, olhando através das portas e janelas. Assim ele viu o que estava sendo feito com Jmmanuel. Mat. 26:58 E Pedro o seguia de longe até o pátio do sumo sacerdote; e entrando, sentou-se entre os guardas, para ver o fim. TJ 28:69 Então, uma criada aproximou-se dele e disse: Não és um dos discípulos deste Jmmanuel da Galiléia? Mat. 26:69 Ora, Pedro estava sentado fora, no pátio; e aproximou-se dele uma criada, que disse: Tu também estavas com Jesus, o galileu. TJ 28:70 Quando foi perguntado pela criada, ele negou, e disse: Eu não sei do que estás falando! Mat. 26:70 Mas ele negou diante de todos, dizendo: Não sei o que dizes. TJ 28:71 Mas por causa da pergunta da criada, ele ficou com medo e quis fugir daquele lugar, pois ele temia por sua vida. TJ 28:72 Enquanto saía pela porta, vede, uma outra mulher o viu e contou ao povo: Este homem estava junto com o blasfemador de Nazaré! Mat. 26:71 E saindo ele para o vestíbulo, outra criada o viu, e disse aos que ali estavam: Este também estava com Jesus, o nazareno. TJ 28:73 Mas Pedro mentiu pela segunda vez, e, levantando as mãos como se num juramento, disse: Na verdade, eu não conheço esta pessoa confusa! TJ 28:74 E quando Pedro saiu da casa, aqueles que haviam permanecido em pé ali, aproximaram-se dele dizendo: Não és um daqueles que servem à este Jmmanuel? Estás te entregando pelo teu modo de falar. Mat. 26:73 E daí a pouco, aproximando-se os que ali estavam, disseram a Pedro: Certamente tu também és um deles pois a tua fala te denuncia. TJ 28:75 Pedro começou a repudiar Jmmanuel, amaldiçoou a si mesmo e jurou: Eu não conheço esta pessoa louca ou seus blasfemos ensinamentos de Deus! Mat. 26:72 E ele negou outra vez, e com juramento: Não conheço tal homem. TJ 28:76 Mas logo após, um galo cantou três vezes, e Pedro pensou nas palavras de Jmmanuel; e rapidamente correu para longe dali e chorou amargamente. Mat. 26:74 Então começou ele a praguejar e a jurar, dizendo: Não conheço esse homem. E imediatamente o galo cantou. Mat. 26:75 E Pedro lembrou-se do que dissera Jesus: Antes que o galo cante, três vezes me negarás. E, saindo dali, chorou amargamente. Capítulo 29 O Suicídio de Judá Ihariotes TJ 29:1 Judá Ihariotes, o traidor de Jmmanuel estava entre os conselheiros que queriam matar Jmmanuel. TJ 29:2 Mas quando ele viu a pavorosa injustiça e tortura as quais Jmmanuel fora submetido, e que o seu rosto estava ensangüentado, ele se sentiu arrependido. De repente, grande angústia e miséria estavam dentro dele. Mat. 27:3 Então Judas, aquele que o traíra, vendo que Jesus fora condenado, devolveu, compungido, as trinta moedas de prata aos anciãos, dizendo: TJ 29:3 Em disputa consigo mesmo, ele pegou seu saco de dinheiro, atirou-o diante do principal sacerdote e anciãos conselheiros e disse: TJ 29:4 Eu fiz o mal a esta pessoa porque eu estava pensando apenas em ouro e prata, e mercadorias e riquezas. TJ 29:5 Me arrependo de ter traído sangue inocente pois os seus ensinamentos não parecem maus para mim. Mat. 27:4 Pequei, traindo o sangue inocente. Responderam eles: Que nos importa? Seja isto lá contigo. TJ 29:6 Mas os principais sacerdotes e os anciãos disseram: E o que isso importa para nós? TJ 29:7 Vede! É de tua conta o que queres fazer para que vivas em paz contigo mesmo. 95

96 TJ 29:8 E Judá Ihariotes chorou e fugiu dali, e logo se enforcou num galho de uma árvore, no campo do oleiro, além das muralhas da cidade. Mat. 27:5 E tendo ele atirado para dentro do santuário as moedas de prata, retirou-se, e foi enforcarse. TJ 29:9 Os principais sacerdotes, contudo, pegaram as peças de prata e disseram: É inútil colocá-las na caixa de coletas, porque este é dinheiro de sangue. O que devemos fazer com ele? Mat. 27:6 Os principais sacerdotes, pois, tomaram as moedas de prata, e disseram: Não é lícito metê-las no cofre das ofertas, porque é preço de sangue. TJ 29:10 Então, um dos filhos dos anciãos aproximou-se e disse: Eu o segui e ele se enforcou num galho de uma árvore no campo do oleiro. TJ 29:11 Nisso, Caifás, o sumo sacerdote disse: Pois bem, entregai este dinheiro de sangue ao oleiro e comprai o seu campo com ele para sepultar os estrangeiros. Mat. 27:7 E, tendo deliberado em conselho, compraram com elas o campo do oleiro, para servir de cemitério para os estrangeiros. TJ 29:12 Na manhã do dia seguinte o negócio foi fechado, e Judá Ihariotes, o traidor de Jmmanuel, foi o primeiro a ser sepultado no campo. TJ 29:13 Mas os principais sacerdotes e os anciãos do conselho espalharam a notícia entre o povo que Judas Iscariotes, o discípulo de Jmmanuel, havia se enforcado como traidor de Jmmanuel e fora rapidamente enterrado no campo do oleiro. TJ 29:14 O povo acreditou nesta conversa, e disseram: Ele traiu o seu amigo por trinta peças de prata, e fez muito certo ele ter se enforcado. TJ 29:15 Ele tomou sobre si uma culpa de sangue e de agora em diante o campo do oleiro deverá ser conhecido como o Campo de Sangue. Mat. 27:8 Por isso tem sido chamado aquele campo, até o dia de hoje, Campo de Sangue. Mat. 27:9 Cumpriu-se, então, o que foi dito pelo profeta Jeremias: Tomaram as trinta moedas de prata, preço do que foi avaliado, a quem certos filhos de Israel avaliaram, Mat. 27:10 e deram-nas pelo campo do oleiro, assim como me ordenou o Senhor. (O suposto autor Mateus cometou um erro grave! Não foi Jeremias quem citou trinta ciclos de prata e sim Zacarias 11:13 e não tem nada a ver com esta história do traidor Judá Ihariotes!!!) Diante de Pilatos TJ 29:16 Jmmanuel, contudo, fora levado diante de Pilatos, o governador, que perguntou a ele: És tu Jmmanuel, a quem chamam o Rei da Sabedoria? Mat. 27:1 Ora, chegada a manhã, todos os principais sacerdotes e os anciãos do povo entraram em conselho contra Jesus, para o matarem; Mat. 27:2 e, maniatando-o, levaram-no e o entregaram a Pilatos, o governador. Mat. 27:11 Jesus, pois, ficou em pé diante do governador; e este lhe perguntou: És tu o rei dos judeus? Respondeu-lhe Jesus: É como dizes. TJ 29:17 Ele disse: Tu o dizes. Isso é o que o povo me chama. TJ 29:18 E Pilatos perguntou e disse: Dizem também que foste gerado pelo anjo Gabrjel, que é um anjo de Deus? Mat. 16:12 Mas ao ser acusado pelos principais sacerdotes e pelos anciãos, nada respondeu. TJ 29:19 Mas ele disse: Tu o dizes. TJ 29:20 Pilatos perguntou mais uma vez, dizendo: Vamos ouvir a tua sabedoria pois teus ensinamentos são novos para mim. TJ 29:21 E Jmmanuel falou: Há uma eternidade atrás, eu retornei dos domínios de um mundo superior de modo a cumprir uma difícil tarefa; e agora eu fui gerado por um filho celestial. Isto aconteceu conforme o destino e a vontade de deus, o regente das três linhagens humanas de humanos terrestres procriados por ele. TJ 29:22 Através de sua bondade, eu aumentei os meus conhecimentos nesta encarnação adquirindo grande percepção e aprendendo verdadeira sabedoria, que me foi concedida por seus instrutores por um período de quarenta dias e quarenta noites. 96

97 TJ 29:23 Além disso, viajei muito por lugares distantes e vivi muitos anos nas terras da Índia. Lá, foi-me ensinado muito conhecimento e muitos segredos pelos grandes sábios e homens instruídos que são conhecidos como mestres. TJ 29:24 Quando eu tiver cumprido minha missão aqui, eu retornarei para lá com Tomé, meu irmão, que é um fiel discípulo meu. TJ 29:25 Quando ouviram o discurso de Jmmanuel, os anciãos e os principais sacerdotes ficaram muito agitados e gritaram na frente de Pilatos: Tu ouviste a sua blasfêmia? TJ 29:26 Nisso, Pilatos perguntou-lhe: Não ouves o quão severamente eles te acusam? Não queres te justificar? Mat. 27:13 Perguntou-lhe então Pilatos: Não ouves quantas coisas testificam contra ti? TJ 29:27 Vês, eu carregarei o meu fardo assim como foi destinado. Mat. 27:14 E Jesus não lhe respondeu a uma pergunta sequer; de modo que o governador muito se admirava. (O suposto autor Mateus falsificou a verdade!) TJ 29:28 Mas também é verdade que muitos se opõem a mim e falsamente testemunharão contra mim, por isso eu não encontrarei justiça. TJ 29:29 Em verdade, eu te digo, muitos cães matarão uma lebre, não importando quantas voltas ela dê. TJ 29:30 É também costumeiro entre os humanos que a mais justa das pessoas não encontre a justiça, porque não importa se muitos ou poucos testemunhem contra ela, desde que elas sejam altamente estimadas. TJ 29:31 A justiça rege apenas nas leis da natureza, porque elas são as leis da Criação. TJ 29:32 Mas entre os humanos há pouca justiça, e é decidida conforme sua situação social e sua riqueza. TJ 29:33 Portanto, eu te pergunto, como eu poderia esperar justiça deste modo? TJ 29:34 Mas Pilatos disse: Julgando pela maneira como falas tu és muito sábio e eu não vejo culpa em ti. TJ 29:35 Eu questiono o ensinamento que acabaste de pronunciar, mas mesmo nisso, eu não vejo culpa, pois cada um deve buscar a salvação conforme a sua fé. TJ 29:36 Mas já que não tens nada a dizer a respeito de tua inocência, que iria contra a denuncia dos principais sacerdotes e dos anciãos, eu não vejo esperança para ti, porque o seu desejo é minha ordem, com a qual eu devo ser complacente. TJ 29:37 Mas Jmmanuel não o respondeu, o que muito surpreendeu o governador. A Condenação de Jmmanuel TJ 29:38 Na época da festa da Páscoa, o governador Pilatos costumava libertar para o povo qualquer prisioneiro que eles mais queriam, exceto aqueles culpados de assassinato ou de ter causado morte. Mat. 27:15 Ora, por ocasião da festa costumava o governador soltar um preso, escolhendo o povo aquele que quisesse. TJ 29:39 Nessa época, ele tinha um prisioneiro especial de nome Barrabás. Mat. 27:16 Nesse tempo tinham um preso notório, chamado Barrabás. TJ 29:40 E quando o povo estava reunido, Pilatos perguntou à eles: Qual quereis que eu liberte: Barrabás, o criminoso, ou Jmmanuel, que dizem ser um Rei da Sabedoria e o filho de um anjo? Mat. 27:17 Portanto, estando o povo reunido, perguntou-lhe Pilatos: Qual quereis que vos solte? Barrabás, ou Jesus, chamado o Cristo? (Texto falso! Texto inventado!) TJ 29:41 Mas ele sabia muito bem que os principais sacerdotes e os anciãos haviam subornado as pessoas dando a elas cobre, ouro, e prata, portanto, elas pediriam pela libertação de Barrabás e a morte de Jmmanuel. TJ 29:42 Pois ele sabia muito bem que elas o haviam entregado por causa da inveja e do ódio, já que seus ensinamentos atraíam as pessoas. Mat. 27:18 Pois sabia que por inveja o haviam entregado. 97

98 TJ 29:43 Sua esposa também havia implorado à Pilatos dizendo: Não faças nada contra este homem justo, pois hoje eu sofri muito em meus sonhos por causa dele, e eu acho que os seus ensinamentos são bons. Portanto, ele ficou favoravelmente inclinado para o lado de Jmmanuel. Mat. 27:19 E estando ele assentado no tribunal, sua mulher mandou dizer-lhe: Não te envolvas na questão desse justo, porque muito sofri hoje em sonho por causa dele. TJ 29:44 Mas entre o povo havia muita gritaria e ele perguntou novamente: Qual eu devo libertar para vós? Mat. 27:20 Mas os principais sacerdotes e os anciãos persuadiram as multidões a que pedissem Barrabás e fizessem morrer Jesus. TJ 29:45 Vagarosamente a gritaria parou, e o governador elevou a sua voz pela terceira vez, perguntando: Qual destes dois eu devo libertar? TJ 29:46 E o povo gritou: Soltes Barrabás! Mat. 27:21 O governador, pois, perguntou-lhes: Qual dos dois quereis que eu vos solte? E disseram: Barrabás. TJ 29:47 E Pilatos respondeu-lhes: Pois assim será, mas o que eu devo fazer com ele que dizem ser Jmmanuel, um rei da sabedoria? Mat. 27:22 Tornou-lhes Pilatos: Que farei então de Jesus, que se chama Cristo? Disseram todos: Seja crucificado. TJ 29:48 E o povo gritou: Crucificai-o! Que o crucifiquem! TJ 29:49 Mas o governador não queria, e perguntou enfurecido: Que mal ele fez que o quereis crucificado? Mat. 27:23 Pilatos, porém, disse: Pois que mal fez ele? Mas eles clamavam ainda mais: Seja crucificado. TJ 29:50 Ele apenas ensinou uma nova doutrina, e por isso ele deve sofrer a morte? Onde está então a liberdade de expressão, do pensamento, e da opinião? TJ 29:51 Mas o povo bradou ainda mais alto: Que o crucifiquem! Crucificai-o! TJ 29:52 Quando Pilatos percebeu que havia grande inquietação e tumulto e que ele nada poderia fazer contra a vontade desta gente, que havia sido subornada, ele pegou uma bacia de água e lavou as suas mãos diante do povo, dizendo: TJ 29:53 Vós decidis o que deve ser feito com ele. Mat. 27:24 Ao ver Pilatos que nada conseguia, mas pelo contrário que o tumulto aumentava, mandando trazer água, lavou as mãos diante da multidão, dizendo: Sou inocente do sangue deste homem; seja isso lá convosco. TJ 29:54 Ele é o prisioneiro dos anciãos e dos principais sacerdotes, então deixai que eles o julguem. TJ 29:55 Eu nada tenho contra este homem justo. Eu sou inocente de fazer qualquer coisa à ele e lavo as minhas mãos diante de vós em inocência. TJ 29:56 Mas o povo se esmurrava, gritando: Crucificai-o! Crucificai-o! Mat. 27:25 E todo o povo respondeu: O seu sangue caia sobre nós e sobre nossos filhos. TJ 29:57 Então, Pilatos entregou Jmmanuel para os principais sacerdotes e anciãos e libertou Barrabás para o povo. Mat. 27:26 Então lhes soltou Barrabás; mas a Jesus mandou açoitar, e o entregou para ser crucificado. (O suposto autor/falsificador Mateus mentiu, quem açoitou Jmmanuel foram os sacerdotes judeus!!!) TJ 29:58 E os principais sacerdotes e os anciãos chicotearam Jmmanuel e o entregaram para ser crucificado. TJ 29:59 O povo gritava e bradava e amaldiçoava Jmmanuel. TJ 29:60 Contudo, os principais sacerdotes e anciãos se deliciavam em regozijo e estavam felizes pois sua intriga havia sido bem sucedida. 98

99 99 Capítulo 30 Difamação de Jmmanuel Declaração Profética TJ 30:1 Os soldados do governador concordaram com os principais sacerdotes e com os anciãos e arrastando Jmmanuel com eles para o interior do tribunal eles trouxeram para dentro toda a multidão com ele. Mat. 27:27 Nisso os soldados do governador levaram Jesus ao pretório, e reuniram em torno dele toda a corte. (Ora, pretório é um tribunal romano e Jmmanuel não foi para um tribunal romano e sim para um tribunal judaico sinédrio) TJ 30:2 Eles o despiram e puseram sobre ele um manto escarlate. Mat. 27:28 E, despindo-o, vestiram-lhe um manto escarlate; TJ 30:3 E eles fizeram uma coroa de espinhos, puseram-na em sua cabeça, puseram uma cana em sua mão direita e ajoelhando-se diante dele, diziam: Mat. 27:29 e tecendo uma coroa de espinhos, puseram-lha na cabeça, e na mão direita uma cana, e ajoelhando-se diante dele, o escarneciam, dizendo: Salve, rei dos judeus! TJ 30:4 Nós te saudamos, grande Rei da Sabedoria dos Judeus. TJ 30:5 E cuspiram nele, tiraram-lhe a cana das mãos e lhe bateram com ela na cabeça até que o sangue escorreu-lhe pelo rosto. Mat. 27:30 E, cuspindo nele, tiraram-lhe a cana, e davam-lhe com ela na cabeça. TJ 30:6 Quando ele estava na miséria e sangrando, Caifás, o sumo sacerdote, perguntou: Como te sentes agora, grande Rei da Sabedoria? TJ 30:7 Mas Jmmanuel estava calado e não disse uma só palavra. TJ 30:8 Então, eles lhe bateram novamente na cabeça, e ele gemeu de dor e começou a falar: De fato é verdade que eu sou o rei da sabedoria dos judeus, assim foi escrito pelos antigos profetas. Portanto, eu sou também o verdadeiro profeta de toda a humanidade da Terra. Mas de todas as verdades, eu não sou o profeta destes israelitas confusos que chamam a si mesmos de filhos e filhas do Sião. TJ 30:9 Em verdade, eu vos digo: Assim como me açoitais e zombais de mim, devereis ser açoitados e zombados por aqueles a quem vós, desde tempos antigos, escravizastes, e cuja terra vós e vossos ancestrais pilhastes. Mat. 27:31 Depois de o terem escarnecido, despiram-lhe o manto, puseram-lhe as suas vestes, e levaram-no para ser crucificado. TJ 30:19 Sobre o seu ombro direito, puseram uma pesada cruz de madeira, de modo que ele sozinho teria que carregar este grande peso até o local de sua própria morte. TJ 30:20 Mas a cruz era pesada, e Jmmanuel gemia sob o peso da carga. Seu sangue combinou-se com suor numa mistura repulsiva. TJ 30:21 Jmmanuel caiu sob o peso da carga, pois perdera as suas forças. TJ 30:10 E chegará o tempo, em cinco vezes cem anos, quando os legítimos donos da terra, a quem vós escravizastes e privastes de seus direitos, começarão a se erguerem contra vós e lutarão contra vós até o futuro distante. TJ 30:11 Um novo homem surgirá nesta terra como profeta, ele irá lícita e justamente condenar-vos e perseguir-vos, e devereis pagar com o vosso sangue. TJ 30:12 Este homem estabelecerá um novo culto religioso, especificamente para a rigorosa preservação dos verdadeiros ensinamentos e se fará reconhecido como profeta. Através destas ações ele vos perseguirá por todos os tempos. TJ 30:13 Embora, de acordo com a vossa alegação, ele será um falso profeta, assim como vós caluniosamente sustentais que eu sou, ele vos trará novos ensinamentos que para vós parecerão falsos. Todavia, ele será um verdadeiro profeta, e terá grande poder. Ele fará com que o vosso povo seja perseguido por todos os tempos. TJ 30:14 Seu nome será Mohammed, e seu nome irá trazer o horror, a miséria, e a morte para vossa raça, assim como mereceis.

100 TJ 30:15 Em verdade, em verdade, eu vos digo: Seu nome será escrito em sangue para vós, e por causa das vossas ofensas o ódio contra a vossa gente será infinito. TJ 30:16 Desta maneira, ele será um verdadeiro profeta, embora vós alegareis que ele seja um falso, e vos trará ensinamentos que, em parte, parecerão confusos e ininteligíveis para vós. Seu culto religioso emergente eventualmente chegará ao fim quando os seguidores dele e os vossos deitarem as fundações para uma sangüinária conclusão. Seus ensinamentos, também, serão distorcidos e falsificados, e resultarão num maligno e confuso culto religioso. TJ 30:17 Enquanto ele falava desta maneira, os principais sacerdotes e os membros do conselho de anciãos espumavam com raiva e o açoitaram tão severamente que ele caiu e chorou. TJ 30:18 Uma vez que o haviam açoitado e zombado dele, retiraram-lhe o seu manto, e puseram-lhe de volta suas vestes de baixo e o levaram embora de modo a crucificá-lo. Mat. 27:31 Depois de o terem escarnecido, despiram-lhe o manto, puseram-lhe as suas vestes, e levaram-no para ser crucificado. TJ 30:19 Sobre o seu ombro direito, puseram uma pesada cruz de madeira, de modo que ele sozinho teria que carregar este grande peso até o local de sua própria morte. TJ 30:20 Mas a cruz era pesada, e Jmmanuel gemia sob o peso da carga. Seu sangue combinou-se com suor numa mistura repulsiva. TJ 30:21 Jmmanuel caiu sob o peso da carga, pois perdera as suas forças. Mat. 27:34 deram-lhe a beber vinho misturado com fel; mas ele, provando-o, não quis beber. TJ 30:26 Quando ele o provou, não quis bebe-lo, e então eles o açoitaram para fazê-lo beber. TJ 30:27 Então, eles forçaram-no a se deitar sobre a cruz enquanto o espancavam, e pregaram as suas mãos e os pés na madeira. Isto fora feito pela primeira vez e contrário aos costumes porque até então o crucificado era amarrado na cruz. TJ 30:28 Após tê-lo pregado na cruz e tê-la erguido, eles dividiram as suas vestes entre eles, lançando a sorte. TJ 30:22 Mas quando veio um estrangeiro, de nome Simão de Cirene, eles o forçaram a ajudá-lo a carregar a cruz. Mat. 27:32 Ao saírem, encontraram um homem cireneu, chamado Simão, a quem obrigaram a levar a cruz de Jesus. TJ 30:23 Logo chegaram ao lugar chamado Gólgota. Mat. 27:33 Quando chegaram ao lugar chamado Gólgota, que quer dizer, lugar da Caveira, TJ 30:24 Sua caminhada fora difícil, porque fora açoitado, insultado, e zombado. TJ 30:25 Deram-lhe vinho para beber, misturado com fel de animais. Mat. 27:35 Então, depois de o crucificarem, repartiram as vestes dele, lançando sortes, [para que se cumprisse o que foi dito pelo profeta: Repartiram entre si as minhas vestes, e sobre a minha túnica deitaram sortes.] TJ 30:29 E sentaram-se em volta e o vigiaram, para que ninguém viesse e o retirasse da cruz. Mat. 27:36 E, sentados, ali o guardavam. Mat. 27:37 Puseram-lhe por cima da cabeça a sua acusação escrita: ESTE É JESUS, O REI DOS JUDEUS. (O suposto autor Mateus inventou essa loucura! Texto falso!) TJ 30:30 Também, dois assassinos foram crucificados com ele, um à sua direita e outro à sua esquerda, portanto, ele estava no meio deles. Mat. 27:38 Então foram crucificados com ele dois salteadores, um à direita, e outro à esquerda. TJ 30:31 Todos à sua volta o difamavam, zombavam-no, e o ridicularizavam. Mat. 27:39 E os que iam passando blasfemavam dele, meneando a cabeça. TJ 30:32 Eles gritavam: Já que tu és um Rei da Sabedoria, ajuda a ti mesmo. TJ 30:33 E já que tu és o filho de um filho celestial e possui grande poder, desce da cruz! Mat. 27:40 e dizendo: Tu, que destróis o santuário e em três dias o reedificas, salva-te a ti mesmo; se és Filho de Deus, desce da cruz. TJ 30:34 Os escribas, os Fariseus, os principais sacerdotes e igualmente o povo, zombavam dele dizendo: Mat. 27:41 De igual modo também os principais sacerdotes, com os escribas e anciãos, escarnecendo, diziam: TJ 30:35 Tu ajudaste os outros, mas não podes ajudar a ti mesmo. 100

101 TJ 30:36 Já que tu és um rei da sabedoria, desce da cruz e ajuda a ti mesmo. TJ 30:37 Se tu fizeres isso acreditaremos em ti e em teus ensinamentos. Mat. 27:42 A outros salvou; a si mesmo não pode salvar. Rei de Israel é ele; desça agora da cruz, e creremos nele; TJ 30:38 Ele confiou em sua sabedoria e em ser o filho do anjo Gabrjel. Mat. 27:43 confiou em Deus, livre-o ele agora, se lhe quer bem; porque disse: Sou Filho de Deus. TJ 30:39 Então, deixai que a sua sabedoria ou o anjo Gabrjel lhe salvem agora se assim ele desejar. TJ 30:40 Do mesmo modo, os assassinos à sua direita e esquerda zombavam e insultavam ele. Mat. 27:44 O mesmo lhe lançaram em rosto também os salteadores que com ele foram crucificados. TJ 30:41 Então, o céu ficou nublado, o sol ficou escuro, e uma grande tempestade espalhou-se sobre a terra, o que era raro nesta época do ano, mas ocorria de vez em quando. Mat. 27:45 E, desde a hora sexta, houve trevas sobre toda a terra, até a hora nona. TJ 30:42 A terrível tempestade assolou por três horas antes que o sol se irrompesse dentre as nuvens. TJ 30:43 Naquela hora Jmmanuel gritou: Tenho sede. Dai-me algo para beber. Mat. 27:46 Cerca da hora nona, bradou Jesus em alta voz, dizendo: Eli, Eli, lamá sabactani; isto é, Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste? (O suposto autor Mateus inventou esta passagem que é totalmente falsa!) Mat. 27:47 Alguns dos que ali estavam, ouvindo isso, diziam: Ele chama por Elias. (Nunca existiu tal diálogo. Textp falso criado pelo suposto autor/falsificador chamado Mateus) TJ 30:44 E prontamente, um dos principais sacerdotes correu, pegou uma esponja e embebeu-a em vinagre, enfiou-a numa lança e lhe deu para beber. Mat. 27:48 E logo correu um deles, tomou uma esponja, ensopou-a em vinagre e, pondo-a numa cana, dava-lhe de beber. TJ 30:45 Mas quando os outros viram aquilo, eles ralharam o homem, dizendo: Para! Não lhe dê mais nada para beber. Vamos ver o quanto ele pode suportar isto. Mat. 27:49 Os outros, porém, disseram: Deixa, vejamos se Elias vem salvá-lo. TJ 30:46 E vede! Uma derradeira e poderosa trovoada irrompeu a tempestade, onde toda a terra tremeu, e o chão chacoalhou. TJ 30:47 Em meio ao tremendo trovão, Jmmanuel gritou novamente, mas ninguém o entendia, pois sua fala estava confusa. Mat. 27:50 De novo bradou Jesus com grande voz, e entregou o espírito. (O suposto autor Mateus inventou esta passagem que é totalmente falsa!) TJ 30:48 Então, sua cabeça pendeu-se para a frente, ele entrara num estado de quase morte, e eles o presumiram morto. Mat. 27:51 E eis que o véu do santuário se rasgou em dois, de alto a baixo; a terra tremeu, as pedras se fenderam, (O suposto autor Mateus inventou esta passagem que é totalmente falsa! Quis criar uma fantasia, inventou fenônemos inverossímeis. Texto falso!) Mat. 27:52 os sepulcros se abriram, e muitos corpos de santos que tinham dormido foram ressuscitados; (O suposto autor Mateus inventou esta passagem que é totalmente falsa! Quis criar uma fantasia, inventou fenônemos inverossímeis. Texto falso! Mortos não andam!) Mat. 27:53 e, saindo dos sepulcros, depois da ressurreição dele, entraram na cidade santa, e apareceram a muitos. (O suposto autor Mateus inventou esta passagem que é totalmente falsa! Quis criar uma fantasia, inventou fenônemos inverossímeis. Texto falso! Mortos não andam!) TJ 30:49 E aconteceu que um soldado pegou a sua lança e perfurou-lhe seu quadril para se assegurar de que ele estava morto. Mat. 27:54 ora, o centurião e os que com ele guardavam Jesus, vendo o terremoto e as coisas que aconteciam, tiveram grande temor, e disseram: Verdadeiramente este era filho de Deus. (Texto falso! Inventado pela mente doentia do suposto autor/falsificador chamado Mateus!) TJ 30:50 Sangue misturado com água jorrou do ferimento como é o caso quando uma pessoa está morta ou em estado de quase morte. TJ 30:51 Assim, o soldado pensou que Jmmanuel estava morto, e ele informou aos outros. TJ 30:52 Eles todos ficaram espantados, porque era incomum para o crucificado morrer tão rápido. TJ 30:53 Mas já que o soldado os havia contado assim, então, eles creram nele e partiram. 101

102 TJ 30:54 Entre eles haviam também muitas mulheres e outros que observavam à distância, pois eram seguidores de Jmmanuel; elas o haviam lhe servido e o seguiram da Galiléia. Mat. 27:55 Também estavam ali, olhando de longe, muitas mulheres que tinham seguido Jesus desde a Galiléia para o ouvir; TJ 30:55 Entre elas estavam a mãe de Jmmanuel, Maria, e Maria Madalena, e outras. Mat. 27:56 entre as quais se achavam Maria Madalena, Maria, mãe de Tiago e de José, e a mãe dos filhos de Zebedeu. (O suposto autor/redator Mateus mentiu omitiu o nome de Maria, mãe de Jmmanuel e pôs outra Maria no lugar!!! quem era esse Zebedeu?) TJ 30:56 Uma vez que o povo partira, elas foram até ele, ajoelharam-se diante da cruz e choraram amargamente porque elas também pensavam que Jmmanuel estava morto. TJ 30:57 Também entre elas, contudo, estava José de Arimatéia, um seguidor de Jmmanuel. Mat. 27:57 Ao cair da tarde, veio um homem rico de Arimatéia, chamado José, que também era discípulo de Jesus. TJ 30:58 Após alguns instantes ele percebeu que Jmmanuel não estava totalmente morto, mas não contou nada a ninguém. O Sepultamento TJ 30:59 Ele rapidamente foi para a cidade, até Pilatos, e pediu à ele pelo corpo de Jmmanuel para que pudesse sepultá-lo. Mat. 27:58 Esse foi a Pilatos e pediu o corpo de Jesus. Então Pilatos mandou que lhe fosse entregue. TJ 30:60 Pilatos ordenou que ele deveria ser entregue à ele. TJ 30:61 E muitas pessoas foram com ele e elas retiraram Jmmanuel da cruz. José envolveu o corpo em puro linho, o qual ele havia previamente revestido de modo a formar uma imagem de Jmmanuel. Mat. 27:59 E José, tomando o corpo, envolveu-o num pano limpo, de linho, TJ 30:62 José de Arimatéia então carregou o corpo de Jmmanuel por todo o caminho até Jerusalém e o depositou do lado de fora da cidade em sua própria sepultura, a qual ele mandara escavar na rocha para o seu futuro sepultamento. Mat. 27:60 e depositou-o no seu sepulcro novo, que havia aberto em rocha; e, rodando uma grande pedra para a porta do sepulcro, retirou-se. (O suposto autor Mateus mentiu falsificou a Verdade!) TJ 30:63 E ele rolou uma grande pedra em frente a porta da sepultura e foi obter remédio para que pudesse cuidar de Jmmanuel. TJ 30:64 A entrada da sepultura era guardada por soldados e pela mãe de Jmmanuel para que ninguém pudesse entrar e roubar o corpo. Mat. 27:61 Mas achavam-se ali Maria Madalena e a outra Maria, sentadas defronte do sepulcro. (O suposto autor Mateus mentiu omitiu que Maria era a mãe de Jmmanuel!) TJ 30:65 José de Arimatéia, contudo, procurou os amigos de Jmmanuel, da Índia, e retornou com eles para a sepultura. Lá eles entraram através de uma segunda entrada desconhecida dos lacaios e dos soldados, e por três dias e três noites cuidaram dele. Logo sua saúde melhorou e novamente com bom vigor. TJ 30:66 A sepultura estava sendo guardada do outro lado, pelos soldados, porque os principais sacerdotes e os Fariseus haviam ido até Pilatos e disseram: TJ 30:67 Senhor, levamos em consideração que quando este homem louco ainda estava vivo, ele dizia às pessoas: Eu deverei retornar após três dias e três noites e me levantar, porque eu apenas estarei num estado de quase morte. Mat. 27:62 No dia seguinte, isto é, o dia depois da preparação, reuniram-se os principais sacerdotes e os fariseus perante Pilatos, TJ 30:68 Mas já que se constatou, através de um soldado, que ele estava realmente morto, sua sepultura deverá ser guardada de modo que ninguém venha, roube o corpo e diga: Vede! Ele se levantou dos mortos! TJ 30:69 Ordenai, portanto, que a sepultura seja guardada até o terceiro dia para que o último engano não seja pior que o primeiro. 102

103 Mat. 27:64 Manda, pois, que o sepulcro seja guardado com segurança até o terceiro dia; para não suceder que, vindo os discípulos, o furtem e digam ao povo: Ressurgiu dos mortos; e assim o último embuste será pior do que o primeiro. TJ 30:70 E Pilatos disse-lhes: Pegai os meus soldados como guardiões. Ide e guardai sepultura o melhor que puderdes. Mat. 27:65 Disse-lhes Pilatos: Tendes uma guarda; ide, tornai-o seguro, como entendeis. TJ 30:71 E eles se foram e guardaram a sepultura e selaram a pedra em frente da sepultura com um selo. Mat. 27:66 Foram, pois, e tornaram seguro o sepulcro, selando a pedra, e deixando ali a guarda. TJ 30:72 Contudo, eles não perceberam o segredo do sepulcro, a saber, que haviam duas saídas ou entradas. Os que auxiliavam Jmmanuel, contudo, podiam chegar até ele e aplicar-lhe sálvias curativas e ervas sem serem descobertos. No terceiro dia ele estava novamente fortalecido o suficiente para caminhar. Capítulo 31 A Fuga de Jmmanuel do Sepulcro TJ 31:1 Quando amanheceu no primeiro dia da semana após a Páscoa, os três dias e noites haviam se passado seguindo os quais Jmmanuel viveria novamente após sua quase morte, assim como ele havia previsto. Mat, 28:1 No fim do sábado, quando já despontava o primeiro dia da semana, Maria Madalena e a outra Maria foram ver o sepulcro. TJ 31:2 E vede! Um grande estrondo surgiu no ar, e uma luz radiante veio do céu e pousou na terra, não muito longe do sepulcro. Mat. 28:2 E eis que houvera um grande terremoto; pois um anjo do Senhor descera do céu e, chegando-se, removera a pedra e estava sentado sobre ela. TJ 31:3 Então um anjo guardião saiu da luz; sua aparência era como a de um relâmpago e suas vestes eram tão brancas como a neve. Mat. 28:3 o seu aspecto era como um relâmpago, e as suas vestes brancas como a neve. TJ 31:4 E ele foi até o sepulcro, e os soldados, cheios de temor, saíram do seu caminho. TJ 31:5 Ele levantou a sua mão, e dela disparou um brilhante relâmpago e atingiu os soldados, um após o outro. TJ 31:6 E eles caíram ao chão e não se moveram por um longo tempo. Mat. 28:4 E de medo dele tremeram os guardas, e ficaram como mortos. TJ 31:7 Então, o anjo guardião dirigiu-se até a sepultura, rolou a pedra para longe da porta e disse à Maria, a mãe de Jmmanuel, e à Maria Madalena, pois ambas estavam lá. TJ 31:8 Não tenhais medo, eu sei que procurais por Jmmanuel, o crucificado. Mat. 28:5 Mas o anjo disse às mulheres: Não temais vós; pois eu sei que buscais a Jesus, que foi crucificado. TJ 31:9 Ele não está aqui, pois ele está vivo, assim como disse que ele estaria. Vinde até aqui e vedes o lugar onde ele jazia. Mat. 28:6 Não está aqui, porque ressurgiu, como ele disse. Vinde, vede o lugar onde jazia; TJ 31:10 Ide depressa e contai aos seus discípulos que ele se levantou da quase morte. Mat. 28:7 e ide depressa, e dizei aos seus discípulos que ressurgiu dos mortos; e eis que vai adiante de vós para a Galiléia; ali o vereis. Eis que vo-lo tenho dito. TJ 31:11 Dizei também à eles: Ele caminhará adiante de vós para a Galiléia, e lá vós o vereis. Vede! Eu vos contei. TJ 31:12 Mas Maria perguntou: Mas ele estava morto e jazia aqui morto. Como ele pode se levantar? TJ 31:13 O anjo guardião respondeu: Por que procuras uma pessoa viva dentre os mortos. TJ 31:14 Ide agora e espalhai a noticia entre os seus discípulos, mas cuidai para que não conteis a mais ninguém. 103

104 TJ 31:15 E o anjo guardião entrou na luz brilhante e desapareceu nela. Logo, um grande estrondo saiu dela novamente, e ela se elevou no ar lançando-se direto para o céu. TJ 31:16 A mãe de Jmmanuel e Maria Madalena então partiram, deixando o sepulcro. Mat. 28:8 E, partindo elas pressurosamente do sepulcro, com temor e grande alegria, correram a anunciá-lo aos discípulos. TJ 31:17 Os soldados, contudo, recuperaram-se de sua paralisia e estavam muito espantados. Então, eles foram para a cidade espalhar a notícia do que havia acontecido. Mat. 28:11 Ora, enquanto elas iam, eis que alguns da guarda foram à cidade, e contaram aos principais sacerdotes tudo quanto havia acontecido. TJ 31:18 E secretamente eles se reuniram com os principais sacerdotes e os anciãos do conselho para decidirem o que dizer ao povo. Mat. 28:12 E congregados eles com os anciãos e tendo consultado entre si, deram muito dinheiro aos soldados, TJ 31:19 Os principais sacerdotes e os anciãos deram bastante dinheiro aos soldados e disseram: Dizei ao povo que os seus discípulos vieram a noite enquanto dormíamos e roubaram o seu corpo. Mat. 28:13 e ordenaram-lhes que dissessem: Vieram de noite os seus discípulos e, estando nós dormindo, furtaram-no. Mat. 28:14 E, se isto chegar aos ouvidos do governador, nós o persuadiremos, e vos livraremos de cuidado. TJ 31:20 E os soldados pegaram o dinheiro e fizeram como haviam sido instruídos. Mat. 28:15 Então eles, tendo recebido o dinheiro, fizeram como foram instruídos. E essa história tem-se divulgado entre os judeus até o dia de hoje. TJ 31:21 Maria e Maria Madalena, entretanto, partiram e fizeram como haviam sido mandadas pelo anjo guardião. TJ 31:22 E vede! Novamente um anjo guardião as encontrou no caminho e disse: Lembrai-vos do que fostes instruídas a fazerdes. Sejais cuidadosas e não conteis inadvertidamente às pessoas. Mat. 28:9 E eis que Jesus lhes veio ao encontro, dizendo: Salve. E elas, aproximando-se, abraçaram-lhe os pés, e o adoraram. (O suposto Mateus FALSIFICOU A VERDADE!!! Texto totalmente inventado!) Mat. 28:10 Então lhes disse Jesus: Não temais; ide dizer a meus irmãos que vão para a Galiléia; ali me verão. TJ 31:23 Maria Madalena aproximou-se do anjo guardião, que usava uma brilhante veste branca, e quis agarrar a sua mão. TJ 31:24 Mas ele, afastando-se dela, disse: Não me toques, porque eu sou de uma espécie diferente da tua e minha vestimenta é uma proteção contra este mundo. TJ 31:25 Se me tocares, irás morrer e serás consumida pelo fogo. TJ 31:26 Afastai-vos de mim e segui vosso caminho assim como foram instruídas. TJ 31:27 Então elas partiram, e encontraram Pedro e um outro discípulo, contando à eles o que havia ocorrido. João 20:2 Correu, pois, e foi ter com Simão Pedro, e o outro discípulo, a quem Jesus amava, e disselhes: Tiraram do sepulcro o Senhor, e não sabemos onde o puseram. TJ 31:28 Pedro e o outro discípulo foram até o sepulcro, sendo que o outro discípulo chegou lá primeiro. João 20:4 Corriam os dois juntos, mas o outro discípulo correu mais ligeiro do que Pedro, e chegou primeiro ao sepulcro; TJ 31:29 E ele olhou dentro do sepulcro e viu as faixas de linho postas arrumadas no chão, Mas ele não entrou. TJ 31:30 Então Pedro chegou, entrou no sepulcro e encontrou tudo do mesmo modo que o outro discípulo havia encontrado. Lucas 24:12 Mas Pedro, levantando-se, correu ao sepulcro; e, abaixando-se, viu somente os panos de linho; e retirou-se, admirando consigo o que havia acontecido. João 20:6 Chegou, pois, Simão Pedro, que o seguia, e entrou no sepulcro e viu os panos de linho ali deixados, 104

105 TJ 31:31 As bandagens estavam cuidadosamente dobradas e postas no chão. O sudário, que cobria a cabeça de Jmmanuel, havia sido posto num lugar em particular, juntamente com as sálvias e as ervas, e estatuetas de argila de aparência peculiar, semelhantes as quais ele nunca tinha visto antes. Portanto, elas eram estranhas para ele. O Encontro de Jmmanuel com seus Discípulos TJ 31:32 Ao anoitecer do mesmo dia, os discípulos estavam reunidos na sala, na cidade onde haviam tomado a sua última refeição com Jmmanuel antes da Páscoa. TJ 31:33 E eles conversavam na sala, falando uns aos outros a respeito do que havia acontecido naquele dia, quando, vede, a porta se abriu e um estrangeiro entrou o qual eles nunca tinham visto antes. João 20:19 Chegada, pois, a tarde, naquele dia, o primeiro da semana, e estando os discípulos reunidos com as portas cerradas por medo dos judeus, chegou Jesus, pôs-se no meio e disse-lhes: Paz seja convosco. (João enganador! leu o Talmud Jmmanuel original! Falsificador da verdade!) TJ 31:34 E ficaram com medo que ele pudesse ser um dos israelitas que queria lhes trair. TJ 31:35 Mas então, o estrangeiro disse: Que a paz esteja convosco, e quando ele retirou o pano de seu rosto, eles o reconheceram como Jmmanuel. João 20:21 Disse-lhes, então, Jesus segunda vez: Paz seja convosco; assim como o Pai me enviou, também eu vos envio a vós. (João escriba mentiroso! Leu o Talmud Jmmanuel original! Falsificador da verdade!) TJ 31:36 Após ele ter dito isso, ele mostrou-lhes as suas mãos, seu quadril e seus pés, e quando viram suas feridas, ficaram felizes que ele estava entre eles. João 20:20 Dito isto, mostrou-lhes as mãos e o lado. Alegraram-se, pois, os discípulos ao verem o Senhor. (João com certeza leu também o Talmud Jmmanuel original! Falsificador da verdade! O que um omitiu o outro aproveitou e encaixou em seus texto falsos!) TJ 31:37 Mas Tomé acreditou que um fantasma estava diante dele. Então ele disse: Se eu puder tocar as tuas feridas, eu saberei que tu não és um fantasma. João 20:26 Oito dias depois estavam os discípulos outra vez ali reunidos, e Tomé com eles. Chegou Jesus, estando as portas fechadas, pôs-se no meio deles e disse: Paz seja convosco. TJ 31:38 Então Jmmanuel disse à ele; Estendes a tua mão e tocas em minhas feridas, para que tu de mente pequena possas reconhecer a verdade. João 20:27 Depois disse a Tomé: Chega aqui o teu dedo, e vê as minhas mãos; chega a tua mão, e mete-a no meu lado; e não mais sejas incrédulo, mas crente. (João com certeza leu também o Talmud Jmmanuel original! Falsificador da verdade! O que um omitiu o outro aproveitou e encaixou em seus texto falsos!) TJ 31:39 Então, Tomé fez como havia lhe sido dito e ele tocou-lhe as feridas e disse: Na verdade és tu. João 20:28 Respondeu-lhe Tomé: Senhor meu, e Deus meu! (João falso e enganador!, leu o Talmud Jmmanuel original! Falsificador da verdade!) TJ 31:40 Então Jmmanuel partiu, dizendo; guardai o segredo de meu retorno, para que não saibam que estou vivo. TJ 31:41 E vede! No dia seguinte, os discípulos rumaram para a Galiléia, para espalharem a feliz notícia entre aqueles que apoiavam Jmmanuel. TJ 31:42 E enquanto outros seguidores caminhavam, um viajante juntou-se à eles e, por parte do caminho, andou com eles. Lucas 24:13 Nesse mesmo dia, iam dois deles para uma aldeia chamada Emaús, que distava de Jerusalém sessenta estádios; (Lucas outro falsificador também leu o Talmud Jmmanuel original! Falsificador da verdade!) TJ 31:43 Eles estavam tristes e conversavam entre si de como Jmmanuel fora forçado a morrer na cruz. Lucas 24:14 e iam comentando entre si tudo aquilo que havia sucedido. (Lucas outro falsificador também leu o Talmud Jmmanuel original! Falsificador da verdade!) Lucas 24:15 Enquanto assim comentavam e discutiam, o próprio Jesus se aproximou, e ia com eles; 105

106 TJ 31:44 Então o viajante, um estrangeiro, disse à eles: Por que lamentais? E eles lhe contaram o que lhes afligiam. Lucas 24:16 mas os olhos deles estavam como que fechados, de sorte que não o reconheceram. (Texto falso inventando pelo suposto Lucas. Outro falsificador da verdade!) Lucas 24:17 Então ele lhes perguntou: Que palavras são essas que, caminhando, trocais entre vós? Eles então pararam tristes. (Lucas, outro leu o Talmud Jmmanuel original! Falsificador da verdade!) TJ 31:45 Mas o viajante disse: Quão pouco é o conhecimento que vós possuís; Jmmanuel vos contou que se levantaria da quase morte após três dias e três noites. Lucas 24:25 Então ele lhes disse: ó néscios, e tardos de coração para crerdes tudo o que os profetas disseram! (Texto falso inventando pelo suposto Lucas. Outro falsificador da verdade!) TJ 31:46 Pois assim como falou, assim aconteceu. TJ 31:47 Após ter falado, ele removeu o pano de seu rosto e eles o reconheceram como Jmmanuel. TJ 31:48 Mas ele não disse mais nada, e novamente cobriu o seu rosto, e se retirou. E não mais foi visto por um longo tempo. TJ 31:49 Muito depois de Jmmanuel ter desaparecido, aconteceu que os discípulos estavam pescando no mar de Tiberíades, João 21:1 Depois disto manifestou-se Jesus outra vez aos discípulos junto do mar de Tiberíades; e manifestou-se deste modo: (João, outro mentiroso/falsificador também leu o Talmud Jmmanuel original! Falsificador da verdade!) TJ 31:50 e não pegaram nada a noite inteira, então ao raiar do dia, eles estavam irritados. TJ 31:51 E quando eles se aproximaram da praia, ali estava um estrangeiro que perguntou: Não tendes alguma coisa para comer? Estou com fome. João 21:4 Mas ao romper da manhã, Jesus se apresentou na praia; todavia os discípulos não sabiam que era ele. : (João, outro mentiroso/falsificador também leu o Talmud Jmmanuel original! Falsificador da verdade!) João 21:5 Disse-lhes, pois, Jesus: Filhos, não tendes nada que comer? Responderam-lhe: Não. (Texto completamente falsificado/inventado por João que também leu o Talmud de Jmmnauel original ou cópia deste.) TJ 31:52 Eles responderam: Não, não pegamos nenhum peixe em nossas redes. TJ 31:53 Então, o estrangeiro disse: Lançai a rede ao lado direito do barco e vos pegareis em abundância. João 21:6 Disse-lhes ele: Lançai a rede à direita do barco, e achareis. Lançaram-na, pois, e já não a podiam puxar por causa da grande quantidade de peixes. (João também leu o Talmud Jmmnauel original ou cópia deste.!) TJ 31:54 Os discípulos ficaram espantados pelo que ele havia dito, mas contudo, lançaram a rede. E vede! Eles não a podiam puxá-la por causa da multidão de peixes. TJ 31:55 E vieram para a praia e prepararam uma refeição, pois assim como o estrangeiro eles, também, estavam com fome. TJ 31:56 Mas quando ele descobriu o seu rosto, vede, era Jmmanuel. TJ 31:57 E, enquanto comiam contentes, ele disse-lhes: Ide para a Galiléia para a montanha tal e tal; ali eu me juntarei a vós, porque nosso tempo juntos terminou e cada um de nós pode ir por seu caminho separado. Capítulo 32 Despedida de Jmmanuel TJ 32:1 E eles foram para a montanha a qual Jmmanuel os havia indicado. Mat. 28:16 Partiram, pois, os onze discípulos para a Galiléia, para o monte onde Jesus lhes designara. TJ 32:2 Quando estavam ali reunidos, ele disse à eles: Vede! Eu falarei convosco uma última vez; então eu partirei e nunca mais retornarei. Mat. 28:17 Quando o viram, o adoraram; mas alguns duvidaram. (O suposto autor Mateus falsificou a Verdade. Este texto não é verdadeiro!) 106

107 TJ 32:3 Meu caminho me leva às terras da Índia, onde muitos desta linhagem humana também habitam, pois deixaram esta terra para viverem lá. Mat. 28:18 E, aproximando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: Foi-me dada toda a autoridade no céu e na terra. (O suposto autor Mateus falsificou a Verdade. Este texto não é verdadeiro!) TJ 32:4 Minha missão me leva à eles e às populações humanas que nasceram lá. Mat. 28:19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; (O suposto autor Mateus falsificou a Verdade. Este texto não é verdadeiro!) TJ 32:5 Minha senda lá será longa, pois tenho ainda que levar os meus ensinamentos, os novos e os antigos, à muitos países e igualmente às praias das grandes águas negras ao norte daqui. Mat. 28:20 ensinando-os a observar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos. (O suposto autor Mateus falsificou a Verdade. Este texto não é verdadeiro!) TJ 32:6 Mas antes de deixar-vos, eu vos darei minhas lições finais dos ensinamentos. TJ 32:7 Se os humanos vivem de acordo com as leis da Criação, eles vivem corretamente em verdade, mas a meta final deverá ser esta: TJ 32:8 Tudo o que é humano dentro do ser humano deve morrer, mas tudo o que for da Criação dentro deles deve erguer-se e abraçar a Criação. TJ 32:9 Considerai o Universo como o lugar onde a Criação vive infinitamente. TJ 32:10 Tudo o que os humanos possuem teve a sua origem na Criação; portanto, pertencem a Criação. TJ 32:11 Os seres humanos devem transformar as suas vidas espirituais inteiras e aperfeiçoá-las, para que se tornem um com a Criação. TJ 32:12 Assim qualquer coisa que o ser humano faça ele deverá fazê-la com a consciência da presença da Criação. TJ 32:13 Mas o ser humano jamais deve tentar forçar a verdade para outrem, porque então ela só valerá a metade de seu valor. TJ 32:14 Primeiro, os humanos devem visar o seu próprio progresso em consciência e espírito, de modo a produzir harmonia Criacional dentro de si mesmos. TJ 32:15 Não há escuridão maior regendo dentro do ser humano do que a ignorância e a falta de sabedoria. TJ 32:16 A grandeza da vitória pessoal requer a erradicação e a destruição de todas as influências que se oponham à força Criacional, para que aquilo que seja Criacional possa prevalecer. TJ 32:17 Os humanos devem desenvolver dentro de si mesmos o poder para julgar o bem e o mal e para corretamente perceberem todas as coisas, para que então possam ser sábios e íntegros e seguirem as leis. TJ 32:18 É necessário estar cônscio do que é real e o que é irreal, do que é precioso e o que é sem valor, e o que é da Criação e o que não é. TJ 32:19 Os seres humanos devem se tornar uma unidade cósmica, para que possam tornarem-se um só com a Criação. TJ 32:20 Sujeitai as vossas vidas às leis; vivei de acordo com as leis da natureza, e então vivereis também, de acordo com as leis da Criação. TJ 32:21 Não importa o quanto possam sofrer os humanos, o poder da Criação dentro deles é imensurávelmente maior, e ele vencerá todos os males. TJ 32:22 Quando os seres humanos vivem dentro de suas consciências apenas como humanos mortais estão inacessivelmente distantes de seus espíritos, da Criação e, portanto, de suas leis. TJ 32:23 Quanto maior for a sua dedicação às leis, mais profunda se tornará a paz dentro deles. TJ 32:24 A felicidade dos humanos consiste em buscar e encontrar a verdade, e por meio disso possa adquirir conhecimento, ganhar sabedoria, e pensar e agir de acordo com a Criação. TJ 32:25 É somente por meio das circunstâncias da vida humana é que os humanos podem ser desenvolver e utilizar seu poder Criacional em consciência e em espírito. TJ 32:26 Os humanos ganham experiência no uso de seus poderes e capacidades somente por meio da tentativa diária de revelá-los. 107

108 TJ 32:27 Se os seres humanos não se tornarem um com a Criação eles nunca serão capazes de erguerem-se acima da morte ou da quase morte, já que o medo do desconhecido está dentro deles. Somente quando são capazes de totalmente reconhecerem a perfeição e a unidade da Criação é que podem vagarosamente começar a adquirirem sublimidade. TJ 32:28 Ao invés de seguirem anseios instintivos e impulsivos, os humanos devem viver pela cognição e sabedoria, para que possam viver justamente, de acordo com as leis e mandamentos. TJ 32:29 Os humanos não devem perder o seu caminho nas moitas da limitação, mas devem expandir as suas consciências e buscar e encontrar conhecimento, lógica, e verdade, e destes aprender sabedoria. TJ 32:30 Por isso, eles se aproximarão das metas de suas vidas e se tornarão cônscios dos princípios Criacionais em todas as coisas. TJ 32:31 Milhares de luzes guiarão os humanos ao longo de sua senda, desde que as observem e as sigam. TJ 32:32 Os seres humanos alcançarão todo o conhecimento e sabedoria, desde que se esforcem seriamente pela perfeição. TJ 32:33 As leis servem à todos aqueles que estejam preparados para buscarem a verdade em medida ilimitável e para aprenderem delas a sabedoria. TJ 32:34 Pois dominando todas as orientações possíveis dentro deles mesmos, eles desenvolvem seus poderes espirituais à níveis cada vez mais e mais elevados, e assim fazendo, aperfeiçoam a si mesmos. TJ 32:35 Os humanos não devem tentar habitar sob sua miséria física, mas sob a realidade do espírito e da existência da Criação. TJ 32:36 Uma inquietação contínua existe dentro dos humanos, porque possuem a premonição que a Criação é a sua sorte e destino. TJ 32:37 Os humanos podem ser grandes, sábios e bons, isso não é o suficiente, pois eles podem se tornarem maiores, mais sábios, e melhores. TJ 32:38 Não deve haver limites para o amor, a paz, e a felicidade porque o estado atual deverá sempre ser superado. TJ 32:39 Em verdade, eu vos digo, um amor que é ilimitado, constante e infalível, é incondicional e é um amor puro, em cujo fogo tudo o que é impuro e mau irá queimar. TJ 32:40 Tal amor é o amor da Criação e, portanto, também as suas leis, as quais os humanos foram predestinados desde o princípio dos tempos. TJ 32:41 Uma vez em que este é o destino final para os seres humanos, eles devem se esforçarem para que assim seja, pois este é o seu destino. TJ 32:42 Mas os entes humanos ainda não entendem a sabedoria deste ensinamento e, portanto, ele está sendo adulterado em todos os cantos da Terra. TJ 32:43 Em sua ignorância, os humanos estão falsificando os ensinamentos de várias maneiras e formas de modo que estão se tornando difusos e inteligíveis. TJ 32:44 Mas em duas vezes mil anos eles serão ensinados de novo, sem falsificações, quando os humanos se tornarem sensíveis e inteligentes, e uma nova era anunciar grandes revoltas. TJ 32:45 E pode ser lido nas estrelas que as pessoas da nova era serão grandes revolucionárias. Assim algumas pessoas predestinadas, que serão os novos arautos dos meus ensinamentos, irão pregá-los sem falsificação e com grande coragem. TJ 32:46 Mas vós, ide, portanto, e preparai o caminho para os meus ensinamentos e tornai todos os povos os seus discípulos. TJ 32:47 Contudo, acautelai-vos com os falsos ensinamentos, que vós podereis permitir a surgirem por causa de vossa falta de julgamento, pois alguns de vós estão inclinados desta maneira. TJ 32:48 Ensinai-os a seguirem tudo o que eu vos ordenei, para que vós não falsifiqueis os meus ensinamentos. TJ 32:49 E aconteceu que, enquanto ele falava desta maneira, um trovão veio do céu, e uma grande luz desceu. TJ 32:50 A luz pousou no chão, não muito longe deles, e brilhava como o metal na luz do sol. TJ 32:51 Jmmanuel não falou mais, mas dirigiu-se para a luz metálica e entrou dentro dela. 108

109 TJ 32:52 Mas então, uma névoa surgiu em torno dela. Mais uma vez começou um trovão e a luz elevou-se de volta para o céu. TJ 32:53 E os discípulos retornaram à Jerusalém, em segredo, e fizeram conhecer os eventos entre os seus iguais. Capítulo 33 Jmmanuel em Damasco TJ 33:1 Jmmanuel foi descido pela grande luz na Síria, onde viveu por dois anos em Damasco, sem ser reconhecido. TJ 33:2 Após este tempo, ele enviou um mensageiro à Galiléia para buscar o seu irmão Tomé, e seu discípulo Judas Iscariotes. TJ 33:3 Contudo, passaram-se dois meses, antes que eles se juntassem à Jmmanuel e lhe trouxessem más notícias. TJ 33:4 Seu irmão Tomé falou, dizendo: Teus discípulos falsificaram muito os teus ensinamentos; eles te insultam te chamando de filho de Deus e eles também te igualam à Criação. TJ 33:5 Os principais sacerdotes e os anciãos perseguem os teus seguidores e os apedrejam quando são pegos. TJ 33:6 Mas Tomé, um de seus discípulos, fugiu, e conta-se que ele partiu com uma caravana para a terra da Índia. TJ 33:7 Um grande inimigo teu surgiu num homem chamado Saulo. TJ 33:8 Ele está fumegando de raiva e pronuncia ameaças de morte contra os teus discípulos e aqueles que confiam em teus ensinamentos. Atos 1:1 Saulo, porém, respirando ainda ameaças e mortes contra os discípulos do Senhor, dirigiuse ao sumo sacerdote,. (O Talmud de Jmmanuel provalmente foi alterado/falsificado por Saulo/Paulo de Tarso!) TJ 33:9 Ele está escrevendo cartas às sinagogas em todas as regiões, onde, se qualquer um dos seguidores de teus novos ensinamentos são encontrados, são amarrados e levados para Jerusalém. Atos 1:2 e pediu-lhe cartas para Damasco, para as sinagogas, a fim de que, caso encontrasse alguns do Caminho, quer homens quer mulheres, os conduzisse presos a Jerusalém. TJ 33:10 Não se faz nenhuma distinção entre mulheres, homens, e crianças. Todos eles serão considerados culpados e condenados a morrer. TJ 33:11 Mas Jmmanuel disse: Não temas breve chegará a hora quando Saulo receberá uma lição no que diz respeito ao seu mau pensamento. TJ 33:12 Ele já está na estrada para Damasco seguindo a ti e a Judas Iscariotes, de modo a levar-vos de volta à Jerusalém acorrentados. TJ 33:13 Contudo, eu irei confrontá-lo antes que alcance Damasco, e já que ele acredita que eu esteja morto, ele irá presumir que está vendo um fantasma. TJ 33:14 E Jmmanuel se foi, para ver um amigo que muito o ajudava nas coisas secretas que envolviam pós, sálvias, e líquidos que cheiravam mau. TJ 33:15 Bem suprido com estas coisas, ele partiu deixando a cidade pelo caminho da estrada para a Galiléia. TJ 33:16 A um dia de viagem de Damasco, ele esperou por dois dias nas rochas e preparou a sua mistura. TJ 33:17 Durante a noite, ele viu um grande grupo de homens armados chegando, e entre eles Saulo, o perseguidor de seus discípulos. TJ 33:18 Quando se aproximaram, ele acendeu um fogo e arremessou-o em sua mistura, produzindo então uma poderosa luz brilhante que cegou o grupo. Atos 1:3 Mas, seguindo ele viagem e aproximando-se de Damasco, subitamente o cercou um resplendor de luz do céu;. (O Talmud de Jmmanuel provalmente foi alterado/falsificado por Saulo/Paulo de Tarso!) 109

110 TJ 33:19 E Jmmanuel continuou a atiçar a mistura flamejante, de modo que poderosos lampejos de luz, estrelas, e bolas de fogo lançavam-se ao céu ou caiam dele. Tudo isso era acompanhado por trovejantes estrondos e sons altos de chiado, como se saíssem de gigantescos dragões e serpentes. TJ 33:20 O trovejar e os estrondos cessaram, bem como os chiados. Os cegantes lampejos e os fogos multi coloridos acabaram, embora uma fumaça acre continuava a cobrir a terra e fez com que o grupo tossisse e derramasse lágrimas. TJ 33:21 Então, Jmmanuel chamou à Saulo: Saulo, Saulo, por que persegues os meus discípulos? Atos 1:4 e, caindo por terra, ouviu uma voz que lhe dizia: Saulo, Saulo, por que me persegues?. (O Talmud de Jmmanuel provalmente foi alterado/falsificado por Saulo/Paulo de Tarso!) TJ 33:22 Mas Saulo estava assustado e caiu ao chão gritando: Quem és tu que falas comigo desta maneira? TJ 33:23 E Jmmanuel respondeu, dizendo: Eu sou Jmmanuel a quem tu persegues junto com meus discípulos, com o teu ódio. Atos 1:5 Ele perguntou: Quem és tu, Senhor? Respondeu o Senhor: Eu sou Jesus, a quem tu persegues;. (O Talmud de Jmmanuel provalmente foi alterado/falsificado por Saulo/Paulo de Tarso!) TJ 33:24 Levanta-te, vai até a cidade e deixa-te ser ensinado em como deves viver. Atos 1:6 mas levanta-te e entra na cidade, e lá te será dito o que te cumpre fazer. (O Talmud de Jmmanuel provalmente foi alterado/falsificado por Saulo/Paulo de Tarso!) TJ 33:25 Saulo estava com muito medo e disse: Mas tu és um que foi crucificado. Então, estás morto e deves estar falando comigo como um fantasma. TJ 33:26 Contudo, Jmmanuel não o respondeu. Ele partiu e rumou para Damasco. TJ 33:27 Mas os homens que eram companheiros de Saulo ficaram parados, petrificados com medo, porque eles também acreditaram que tinham ouvido um fantasma. Atos 1:7 Os homens que viajavam com ele quedaram-se emudecidos, ouvindo, na verdade, a voz, mas não vendo ninguém. (O Talmud de Jmmanuel provalmente foi alterado/falsificado por Saulo/Paulo de Tarso!) TJ 33:28 Saulo levantou-se do chão e abriu seus olhos. Contudo, ele não enxergava nada porque seus olhos ficaram cegos, pois ele tinha olhado diretamente para a luz brilhante que Jmmanuel havia produzido. Atos 1:8 Saulo levantou-se da terra e, abrindo os olhos, não via coisa alguma; e, guiando-o pela mão, conduziram-no a Damasco. (O Talmud de Jmmanuel provalmente foi alterado/falsificado por Saulo/Paulo de Tarso!) TJ 33:29 Seus companheiros então o pegaram pela mão e o conduziram para Damasco, TJ 33:30 e por três dias ele não enxergou nada, nada comeu e nada bebeu. Atos 1:9 E esteve três dias sem ver, e não comeu nem bebeu. TJ 33:31 Contudo, um dos discípulos de Jmmanuel veio até Saulo e pregou-lhe os novos ensinamentos, e gradualmente ele os aceitou. TJ 33:32 Mas por causa dos eventos nas rochas, sua mente estava ligeiramente confusa. Ele não entendeu muito e falava incoerentemente. TJ 33:33 Um tanto confuso em sua mente, ele foi embora e pregava tolices incoerentes ao povo. TJ 33:34 Jmmanuel, contudo, permaneceu em Damasco por outros trinta dias e fez saber que ele estaria deixando o país e viajaria para a terra da Índia. TJ 33:35 Sua mãe veio de Nazaré e pôs-se na estrada, para a terra da Índia, com Jmmanuel, seu irmão Tomé, e Judas Iscariotes. TJ 33:36 E Jmmanuel começou a pregar de novo e a ensinar o povo onde quer que os encontrava ao longo do caminho e qualquer lugar que chegasse. TJ 33:37 Havia uma nova força dentro dele e os seus ensinamentos eram mais poderosos do que antes. 110

111 111 Capítulo 34 Ensinamentos sobre a Criação TJ 34:1 E Jmmanuel pregava poderosamente, dizendo: Vede! A Criação está acima da humanidade, acima de deus, e acima de todas as coisas. TJ 34:2 Pela compreensão humana, ela parece perfeita, mas não é assim. TJ 34:3 Já que a Criação é espírito e, portanto, vive, mesmo ela deve eternamente aperfeiçoar a si mesma. TJ 34:4 Mas já que ela é uma só em si mesma, ela pode aperfeiçoar a si mesma por meio de suas próprias criações através de gerações de novas formas espírito que habitam dentro dos humanos, dando-os vida, e evoluindo-se rumo a perfeição através de seu aprendizado. TJ 34:5 O recém criado espírito é parte da própria Criação; contudo, é inconsciente até o menor dos jotas. TJ 34:6 Quando um novo espírito é criado, que é ainda inconsciente em todas as formas ele vive num corpo humano e começa a aprender. TJ 34:7 As pessoas podem considerar o espírito inconsciente como estúpido e dizerem que o indivíduo é confuso. TJ 34:8 Mas não é, porque é apenas inconsciente e destituído de conhecimento e sabedoria. TJ 34:9 Assim, pode esse espírito novo viver uma vida dentro de um ser humano de modo a adquirir conhecimento. TJ 34:10 Então, quando esse espírito entrar no além, ele não é mais inconsciente como foi no tempo de seu começo. TJ 34:11 E ele retorna ao mundo e vive novamente como um humano, mas não é mais inconsciente como foi em seu começo. TJ 34:12 Novamente ele aprende e adquire mais conhecimento e nova sabedoria, e por isso, progressivamente, escapa da ignorância. TJ 34:13 Então, após muitas vidas renovadas, chega o tempo quando as pessoas dizem que esse espírito é normal e não confuso. TJ 34:14 Mas este não é nem o fim do espírito nem o seu cumprimento, porque, tendo se tornado consciente, o espírito agora busca a sabedoria maior. TJ 34:15 Assim, o espírito humano aperfeiçoa a si próprio tão extensivamente que se desenvolve de uma maneira Criacional e finalmente torna-se um com a Criação, como foi destinado desde o princípio. TJ 34:16 Assim, a Criação gerou um novo espírito, permitindo-o que se aperfeiçoasse independentemente no corpo humano. O espírito aperfeiçoado retorna à Criação para se tornar um com ela e desta maneira a Criação aperfeiçoa a si própria dentro de si mesma, pois nela está o conhecimento e a sabedoria para assim fazê-lo. TJ 34:17 Em verdade, eu vos digo: Nunca chegará o tempo em que a Criação cessará de criar novas formas espírito e de ampliar a si mesma. TJ 34:18 Contudo, a Criação também necessita de descanso, o que é uma característica de tudo aquilo que vive, e quando ela adormece ela não mais cria. TJ 34:19 Assim como a vida humana tem o dia e a noite e está dividida entre trabalho e repouso, assim também a Criação possui as suas horas de trabalho e descanso. TJ 34:20 O seu período, contudo, é diferente daquele das pessoas, porque as leis são as leis do espírito, TJ 34:21 enquanto as leis humanas são leis da vida material. TJ 34:22 A vida material é limitada, mas a vida do espírito perdura para sempre e não conhece fim. TJ 34:23 A Criação, contudo, está sujeita às leis da Eternidade Primordial e à Criação Primordial, que é o Absoluto-Absolutum e o princípio e a eternidade de todas as coisas. E foi criado de si mesmo.* TJ 34:24 Seu segredo é aquele que é imensurável e se baseia no número sete, que é contado em tempos.

112 TJ 34:25 Este é um dos segredos e leis que a mente humana irá resolver somente quando alcançar a perfeição. TJ 34:26 Mas que seja dito, que as leis da vida não estão ocultas do homem sábio, dai, ele pode reconhecê-las e seguí-las. TJ 34:27 Assim o sábio entende que o segredo da Criação Primordial está no número sete e em cálculos baseados nele. Assim eles irão adquirir e reter o conhecimento que a Criação possui um tempo para trabalhar ou repousar que é baseado no número sete. TJ 34:28 A Criação repousou num estado de adormecimento por sete Grandes Eras quando nada existia, nem mesmo o Universo. TJ 34:29 Somente a própria Criação existia adormecida, e não gerou nenhuma criatura nem nada. TJ 34:30 Contudo, ela despertou do seu adormecer através dos sete ciclos das sete Grandes Eras e começou a criar as criaturas e todas as coisas. TJ 34:31 Após ter repousado por sete ciclos de sete Grandes Eras está agora criando organismos vivos e todas as outras coisas, e assim fará por mais sete ciclos de sete Grandes Eras, até que necessite novamente de descanso e repouse de novo adormecida por mais sete Grandes Eras. TJ 34:32 Quando ela repousar novamente e descansar adormecida, nada mais irá existir exceto a própria Criação. TJ 34:33 Não haverá nenhuma criatura nem qualquer outra coisa. TJ 34:34 Somente a própria Criação existirá durante os sete ciclos de sete Grandes Eras porque irá repousar e adormecer até que desperte de novo e gere novas criaturas e todas as coisas mais. TJ 34:35 Contudo, assim como a Criação é uma em si mesma, assim também é toda a vida, o existir e a existência, uma só dentro de si mesmas. TJ 34:36 É pela lei da Criação que todos os humanos, plantas, animais, e toda a vida são um em si mesmos. TJ 34:37 Uma pessoa pode acreditar que tudo seja dois ou três, mas não é assim, porque tudo é um. TJ 34:38 Qualquer coisa que as pessoas acreditem ser dois ou três é na verdade um, então elas devem tornar tudo o que seja dois ou três em um. TJ 34:39 Já que o espírito numa pessoa é parte da Criação, ele é um com a Criação; consequentemente não é dois. TJ 34:40 E já que o corpo é parte do espírito numa forma diferente e matéria, é, portanto, um com o espírito; consequentemente não é dois. TJ 34:41 Os ensinamentos declaram que há uma unidade e não há, de nenhuma maneira ou forma, uma dualidade ou trindade. TJ 34:42 Se parecer para as pessoas que há uma dualidade ou trindade, então elas são vítimas do engano, pois não pensam logicamente mas de acordo com o conhecimento humano. TJ 34:43 Mas se elas pensarem de acordo com o conhecimento do espírito elas encontrarão a lógica, que também está na lei. TJ 34:44 Somente o pensamento humano é incorreto, mas não as leis da Criação. TJ 34:45 Por esta razão é dito que todas as coisas emanam de uma unidade e uma dualidade parece aparente somente porque os humanos, em seus pensamentos limitados, não podem entender a verdade. TJ 34:46 Já que tudo é uma unidade e tudo emana dela, nenhuma dualidade ou trindade, qualquer que seja, podem existir porque violariam as leis da Criação. TJ 34:47 Portanto, as pessoas devem tornar dois ou três em um e pensarem e agirem de acordo com a leis da Criação. TJ 34:48 É somente em ignorância que uma pessoa fabrica uma dualidade ou trindade, ofendendo as leis da Criação. TJ 34:49 Quando uma pessoa alinha todas as coisas nesta unidade, fazendo de tudo um só, e então dizer à uma montanha: Mova-te, então ela irá se mover. TJ 34:50 Quando as coisas são unas na Criação, em suas leis, nas criaturas, e na matéria, então não existe erros. TJ 34:51 Quando um homem sábio diz que há sempre dois em todas as coisas, ele quer dizer que são unos dentro de si mesmos e são um juntos. TJ 34:52 São dois apenas na aparência, porque em si mesmas e também juntas são sempre um. 112

113 TJ 34:53 Portanto, o mal é um em si mesmo porque também é o bem em si mesmo. TJ 34:54 Já que mesmo separados eles são um e uma unidade, juntos eles são também um e uma unidade, pois esta é a lei da Criação. TJ 34:55 Assim, o resultado é que há duas partes em aparência, mas ambas são um em si mesmas e um quando juntas. TJ 34:56 Se, portanto, as pessoas disserem que existe também uma trindade, então as suas consciências foram confundidas por algum culto, ensinamentos falsificados ou pensamentos confusos. TJ 34:57 Uma unidade consiste de duas partes, que são uma em si mesmas e são uma dualidade apenas em aparência. TJ 34:58 Já que uma pessoa é uma unidade de duas partes, o espírito é uma unidade de duas partes, mas ambos são um em si mesmos e um juntos. TJ 34:59 O corpo não pode viver sem o espírito e reciprocamente, porque o espírito e o corpo são uma unidade apesar de parecerem dualidade. TJ 34:60 O espírito, contudo, vive de acordo com a mesma lei, porque em si mesmo também consiste de duas partes e é um em cada parte; assim, é um em si mesmo. TJ 34:61 As duas partes do espírito são: a sabedoria e o poder. TJ 34:62 Sem a sabedoria do espírito, seu poder não pode ser utilizado, e nem pode qualquer sabedoria emergir sem o poder espiritual. TJ 34:63 Por isso, são sempre necessárias duas coisas e que são uma só em si mesmas, então, há uma unicidade na unidade mas não uma dualidade. TJ 34:64 Assim a lei diz que o ser humano é uma unidade em si mesmo, que consiste de duas partes que formam uma unidade, ambas em si mesmas e também juntas. TJ 34:65 E as duas partes iguais no ser humano, cada uma das quais constituindo uma unidade em si mesma, são o corpo e o espírito. TJ 34:66 Então quando os escribas ensinam que uma pessoa vive numa trindade, este ensinamento é errôneo e falsificado, porque não é ensinado em conformidade com as leis da Criação. *Absoluto-Absolutum: O mais básico nível Criacional, o mais básico nível Absolutum, respectivamente, dos quais existem sete. Do mais alto nível Absolutum até o mais baixo na seguinte seqüência são válidos: Ser-Absolutum, Zohar-Absolutum, Super-Absolutum, Absolutum-Criativo, Absolutum-Central, Ur-(primordial, original, primário) Absolutum e Absoluto-Absolutum. Do Absoluto-Absolutum a primeira forma de Criação do tipo mais inferior foi criado - o Universo material, a consciência universal ou Universo no qual vivemos. Este Universo, a consciência universal, ou forma Criação respectivamente, que é a primeira e mais inferior de todas as formas de Criação, criou de si mesma todas as formas espírito. E portanto, a Criação de sua própria Ur fonte. O Absoluto-Absolutum está relacionado apenas ao poder da idéia procriativa, da qual a forma mais inferior da Criação, que é o nosso Universo de DERN, foi gerado. Capítulo 35 Cultos em torno de Jmmanuel TJ 35:1 E aconteceu que Jmmanuel, sua mãe Maria, e seu irmão Tomé, viajaram para as cidades junto ao mar no norte. Desde os tempos antigos mulheres guerreiras habitavam a área, mas os seus descendentes eram agora amantes da paz. TJ 35:2 Ele pregou à eles os novos ensinamentos de acordo com os seus conhecimentos mas teve que fugir de suas cidades quando eles tentaram lhe matar. TJ 35:3 Os seus próprios ensinamentos, muito distantes da verdade, eram um rígido culto religioso; e eles puniam com a morte aqueles que ensinavam diferente. TJ 35:4 Jmmanuel foi tratado como um renegado por este povo e foi perseguido como um agitador contra o seu culto. Então, ele fugiu. TJ 35:5 E aconteceu que durante a sua fuga ele encontrou-se com uma grande caravana. Ele e os que o seguiam juntaram-se à ela e continuaram terra a dentro e para as montanhas. 113

114 TJ 35:6 Eles viajaram através da parte central do país por muitas semanas de onde chegaram em um outro mar e na cidade de Efeso. TJ 35:7 Mas Jmmanuel estava muito temeroso, e não mais pregou seus novos ensinamentos para que ninguém o reconhecesse; pois em Efeso haviam muitas pessoas comerciantes e mercadores, que vinham para ali de Jerusalém, para realizarem negócios. TJ 35:8 Muitos dentre eles haviam conhecido Jmmanuel e que não tinham sido bem dispostos com ele; portanto, ele os evitava e escondia o seu rosto. TJ 35:9 Os comerciantes e os mercadores em Efeso haviam espalhado a história de Jmmanuel e sua suposta morte, que havia ocorrido há dois anos e meio atrás. TJ 35:10 Contudo, após ele ter ficado na cidade por uns poucos dias, vede, ele foi reconhecido por um dos mercadores que informou aos outros da mesma crença. Eles pertenciam a um grupo secreto chamado Associação dos Essênios. TJ 35:11 Eles levaram Jmmanuel a uma reunião que era secreta, pois eles temiam as pessoas porque sua sociedade secreta era considerada ilegal. TJ 35:12 Mas entre eles havia um chamado Juthan, o mais velho da sociedade secreta em Jerusalém, e ele falou, dizendo: TJ 35:13 Vês, sabemos muito bem o que aconteceu em tua vida, mas não entendemos como tu podes ainda estar entre os vivos. Então conta-nos o teu segredo. TJ 35:14 Mas Jmmanuel, temendo que seria amarrado e levado de volta para Jerusalém se permanecesse em silêncio na frente dos conspiradores; então recontou tudo aos Essênios. TJ 35:15 Ele contou-lhes sobre tudo o que havia acontecido e como ele havia fugido de Jerusalém e tinha chegado naquela região. TJ 35:16 Juthan, o mais velho, disse: Vês, nós pertencemos a um grupo secreto chamado Associação dos Essênios. TJ 35:17 Nossa busca e conhecimentos não correspondem aos ensinamentos dos escribas, mas aos segredos da natureza e tudo aquilo que é inexplicável para os humanos. TJ 35:18 Tu és grande em teus conhecimentos e por todas as medidas tu és avançado em conhecimento, muito além de nós e os escribas, Fariseus, astrólogos, e mesmo os anciãos e os filósofos. TJ 35:19 Portanto, venhas juntar-te a nossa sociedade sejas um de nós e ensina-nos os teus conhecimentos. TJ 35:20 Mas Jmmanuel respondeu, dizendo: Mesmo se eu fosse ensinar-vos os meus conhecimentos, eles não concordariam com os vossos ensinamentos, porque vós seguis a sabedoria humana incompleta, ao passo que eu sigo a sabedoria espiritual. TJ 35:21 Portanto, eu penso que nossos diferentes ensinamentos seriam incompatíveis um com o outro. TJ 35:22 E também não é minha propensão espalhar os meus conhecimentos e ensinamentos em segredo, assim como o fazeis, já que vossa secreta Associação dos Essênios não é autorizada. TJ 35:23 Mas deixai-me pensar nos prós e nos contras por três dias, e se irei então dizer-vos sim ou não, porque primeiro eu devo pensar sobre tudo antes que eu vos dê minha última palavra a respeito. TJ 35:24 E Juthan disse: Que seja como dizes. TJ 35:25 Que a paz esteja contigo. TJ 35:26 Vai e dê-nos uma resposta em três dias, se quiseres falar a tua palavra então. TJ 35:27 Mas Jmmanuel partiu dali, fugindo da cidade com aqueles que o seguiam e viajaram para o oriente, bem distante, país adentro. TJ 35:28 E Jmmanuel disse aos seus seguidores: Vedes, a Associado dos Essênios vive de acordo com um culto religioso errôneo, embora seus seguidores acumulem muitos dos meus ensinamentos. TJ 35:29 Mas sua antiga filosofia não é o ensinamento da verdade, do conhecimento, do amor, da lógica, da sabedoria, e das leis da Criação. Portanto, é incorreta e não é de valor real e adequado. TJ 35:30 Mas eles reconheceram isso e estão agora tecendo os meus ensinamentos verdadeiros com os seus ensinamentos de meia verdade, para criarem com isso uma nova doutrina para que possam me aviltar chamando-me de um deles. 114

115 TJ 35:31 Eles alegarão que sou afiliado com sua sociedade e que me ajudaram desde o princípio de minha vida. TJ 35:32 Eles até mesmo dirão que os meus ensinamentos saíram do conhecimento de seu culto, e que me salvaram da cruz porque eu era um deles. TJ 35:33 Eles alegarão que todos os meus seguidores eram de seu culto, TJ 35:34 e também alegarão que eu sou filho de Deus. TJ 35:35 Mas eu vos digo que eu nunca pertenci a esta Associação dos Essênios e que nada tenho em comum com ela ou seus seguidores; portanto, eu também jamais recebi ajuda deles. TJ 35:36 A Associação dos Essênios não será o único grupo a fazer uso de meu nome. Muitos cultos surgirão em meu nome e assim considerarão a si mesmos grandes e por isso irão querer deslumbrar as pessoas. TJ 35:37 Do mesmo modo, as pessoas estabelecerão muitos cultos peculiares e neles me glorificarão para serem mais acreditáveis, onde o público pode depois ser escravizado e explorado. TJ 35:38 E assim, muitos cultos se estabelecerão em meu nome mas seus propósitos serão apenas para escravizarem as pessoas em suas consciências e liberdade. TJ 35:39 Mas eu vos digo: Nenhum culto será justo se não reconhecer somente a Criação como o mais elevado poder e não viver de acordo com as suas leis e mandamentos. TJ 35:40 E não existirá nenhum culto que pregue os verdadeiros ensinamentos, o conhecimento, ou a verdade. TJ 35:41 E será em duas vezes mil anos antes que chegue o tempo quando os meus ensinamentos serão pregados de novo sem serem falsificados, isso ocorrerá quando falsas doutrinas e cultos errôneos, quando a mentira e a fraude, e quando a enganação dos conjuradores de mortos e dos espíritos, dos adivinhos e clarividentes, bem como dos charlatões da verdade, estiver em seu cume. TJ 35:42 Até então, cultos falsos, bem como mentirosos, enganadores, embusteiros, conjuradores de mortos e dos espíritos, falsos adivinhos, clarividentes e falsos médiuns fingindo falar por seres sobrenaturais, de outras dimensões, e com seres extraterrestres das profundezas do Universo serão tão numerosos que não mais poderão ser contados. TJ 35:43 E tais cultos serão construídos sobre sangue humano, ódio, ganância e poder, nas mentiras e enganações, e nas fraudes, no equívoco, no auto engano, na confusão de consciência e na ilusão. TJ 35:44 Mas assim como se ergueram, assim serão destruídos, porque a verdade irá triunfar. TJ 35:45 Pois não existe inverdade que não será denunciada como uma mentira. TJ 35:46 Não há nada que esteja oculto que não se tornará revelado. TJ 35:47 Os humanos reconhecerão o que está diante de seus rostos, e o que está deles oculto por si mesmo se revelará, quando eles buscarem pela verdade e a iluminação da sabedoria. TJ 35:48 Mas a verdade jaz profundamente nas leis da Criação, e é somente ali que a humanidade deve buscá-la e encontrá-la. TJ 35:49 Aqueles que buscam não devem deixar de buscar até que encontrem, TJ 35:50 e quando encontrarem, ficarão profundamente chocados e abismados, mas eles irão reger o Universo. TJ 35:51 Que possam os humanos reconhecerem com isso que o reino está dentro deles e fora deles. Capítulo 36 A Humanidade e a Criação TJ 36:1 E aconteceu que Jmmanuel pregava a respeito da humanidade e da Criação enquanto seguia rumo ao oriente com uma caravana. TJ 36:2 Ele disse: Os humanos devem olhar para o alto, para as estrelas, pois a paz majestosa e a grandeza reinam ali. TJ 36:3 Como se por lei e ordem imutáveis as infinitas e eternas mudanças ocorrem ali por dias, meses, anos, e além, por séculos, milênios, e milhões de anos. TJ 36:4 Os humanos, contudo, devem também olhar para baixo, sobre a Terra, pois ai também está a atividade Criacional e o infinito vir a ser e morrer, e a vida, e a existência, rumo às novas formas evolutivas. 115

116 TJ 36:5 A grandeza e a excelência, e a beleza, reinam harmoniosamente onde a natureza é deixada por si mesma. TJ 36:6 Mas onde há vestígios da ordem humana a serviço, ali a insignificância, a desgraça, e a feiura, dão testemunho de uma alarmante desarmonia. TJ 36:7 Com o peito inflado, a humanidade chama a si mesma de coroa da criação, e ainda não estão conscientes da Criação e põem as pessoas niveladas com ela. TJ 36:8 Mas esta humanidade que dominou o fogo e rege a Terra não irá longe. TJ 36:9 Sem dúvida, os humanos aprenderão a dominar a água e o ar, mas no processo se esquecerão de serem conscientes da Criação acima deles e de suas leis. TJ 36:10 Portanto, eles se esquecerão também de buscarem a verdade, o conhecimento, o amor, o respeito, a vida, a lógica, a verdadeira liberdade, e a sabedoria, TJ 36:11 e se esquecerão de viverem em paz uns com os outros. TJ 36:12 Seu grito de guerra será a hostilidade, pois eles desejam alcançar o poder por meio da violência. TJ 36:13 Mas quando eles acreditarem que possuem o poder em suas mãos eles o usarão para a escravização e o derramamento de sangue, a exploração, a brutalidade, o crime, e a degeneração. TJ 36:14 Falarão de honra, liberdade e conhecimento, mas na verdade isso será apenas hipocrisia, coerção, e falsos ensinamentos. TJ 36:15 Portanto, no futuro, a humanidade perderá a sua face e exibirá uma maligna e falsa máscara. TJ 36:16 Muitos irão se degenerar em bestas e passarão os seus dias terrestres sem o conhecimento ou consciência. TJ 36:17 As ambições e os desejos humanos serão direcionados apenas para a aquisição de poder, luxúria, vícios, e ganância. TJ 36:18 Com o seu intelecto, os humanos organizarão as coisas deste mundo para torná-las subservientes, apesar do fato que assim fazendo eles quebram as leis da natureza e destroem a própria natureza de muitas maneiras. TJ 36:19 Eles não mais confiarão nas verdades eternas, que são ancoradas nas leis da natureza. TJ 36:20 Através do auto engano eles encontrarão mais sentido nas ciências humanas do que nos valores das leis da natureza e da Criação. TJ 36:21 Em sua confusão os humanos acreditarão nessa errônea, auto criada, e patética filosofia de vida, que serão produzidas através dos confusos ensinamentos de cultos e através dos arranjos das leis humanas e dos caprichos dos princípios que governam as nações. TJ 36:22 Os humanos irão querer controlar as vidas por meios externos, porque terão se esquecido de estarem conscientes de sua própria essência do ponto de vista Criacional. TJ 36:23 Através de meios enganosos eles iludirão, enganarão, e explorarão os seus semelhantes humanos e o mundo inteiro. TJ 36:24 E onde quer que ainda exista confiança e a verdade eles as mudarão para desconfiança e inverdade, e assim fazendo se afastarão mais e mais longe da verdadeira vida. TJ 36:25 Assim, eles também perderão de vista os princípios da mais antiga sabedoria que declaram que os humanos são a medida de todas as coisas na vida porque eles são, afinal, uma parte da Criação. TJ 36:26 Mas chegará o tempo quando a humanidade deverá dar meia volta e tornar-se reiteradas com os eternos valores da vida. TJ 36:27 Inicialmente somente uns poucos saberão que os humanos não só vivem na Terra mas também nas infinitas expansões do Universo, e que eles não só vivem no mundo material mas seus espíritos alcançam outro mundo que não pode ser compreendido pelos sentidos físicos comuns. TJ 36:28 Esse outro, o mundo etéreo, é o verdadeiro lar do espírito. Portanto, os humanos devem tentar sem cessar a ampliar e aprofundar seu conhecimento, amor, verdade, lógica, verdadeira liberdade, paz genuína, harmonia e sabedoria, para que o espírito seja aperfeiçoado e elevado ao seu verdadeiro lar, tornando-se um com a Criação. TJ 36:29 Em verdade, eu vos digo: Aqueles que entenderem a verdade desta mensagem e alcançarem a percepção através da sabedoria, irão despertar para a obrigação de alinharem as suas vidas com os seus destinos de eterna mudança rumo à Criação. 116

117 TJ 36:30 Quando as pessoas são honestas e buscam, elas não terão nenhumas opiniões preconcebidas ou preconceitos. TJ 36:31 Mas os sábios conhecem e são conscientes da lei do duradouro fluxo de eterna mudança. Portanto, se empenham em ajustarem-se ao grande esquema de eventos e do progresso, porque apreciam as leis da Criação, a saber, que os ciclos da existência devem ser completados conforme determinado por estas leis. TJ 36:32 Onde quer que se revele a vida, ela é baseada na lei do invisível mistério que traz a eterna mudança. TJ 36:33 Mas as pessoas que desconsideram e falham em reconhecer as infinitas e duradouras leis e verdades devem tomar sobre si mesmas as terríveis conseqüências. TJ 36:34 As mentiras e o ódio irão cegar tais pessoas e mesmo populações inteiras; e elas se lançarão no abismo de sua própria destruição. TJ 36:35 Uma cega e destrutiva mania as dominarão, e os heróis entre elas serão aqueles que são os maiores destruidores. TJ 36:36 O conflito irá permear a vida inteira das pessoas, e onde houver a discórdia não haverá mais a integridade e a perfeição. TJ 36:37 Mas enquanto existir imperfeição na vida, os humanos devem suportar as conseqüências: doenças, miséria, injustiça, privações, brigas, contendas, escravidão, cultos errôneos, e exploração que levam ao derramamento de sangue e a morte. TJ 36:38 Portanto, que a humanidade tome cuidado e desperte, pois as leis da Criação declaram: Somente aquilo que é eterno e duradouro é de permanência, é da verdade, e da sabedoria e assim é. - Fim do Talmud de Jmmanuel - *** Epílogo e Explicação Por um longo período de tempo, o tradutor dos pergaminhos de Jmmanuel envolveu-se em silêncio, sem que o editor das traduções soubesse a razão. O mistério foi solucionado em 19 de Setembro de 1974, quando recebeu uma carta escrita pelo tradutor em Bagdá, Iraque, em 14 de Setembro de Seguindo o epílogo há uma tradução da carta em português, na qual o leitor saberá os detalhes necessários. Devido a perda inesperada dos pergaminhos originais a única evidência, infelizmente, se perdeu. Além disso, o Arcano/Talmud de Jmmanuel está, por isso, incompleto. Somente 36 capítulos foram, portanto, reunidos, um pouco mais de um quarto do que formavam os pergaminhos originais. Devido ao fato do editor estar um tanto familiarizado com o restante da história de Jmmanuel, ele não se recusaria ao leitor de informá-lo dos mais importantes eventos, que são descritos em termos gerais: Com a sua mãe, Maria, seu irmão Tomé, e seu discípulo Judas Iscariotes, Jmmanuel viajou para o norte da Índia. Pelo caminho, ele pregou em muitos países e, freqüentemente, tinha que fugir, pois seus discursos eram revolucionários. Assim, sua viagem para a Índia levou-lhe muitos anos, o que lhe trouxe severas dificuldades. No que é hoje o Paquistão Ocidental, bem alto, no norte, e nos espigões mais afastados dos Himalaias Ocidentais, sua mãe ficou muito doente e morreu quando Jmmanuel tinha aproximadamente 38 anos de idade. Após a perda de sua mãe, Jmmanuel seguiu viagem e foi para o que é hoje a Caxemira, na Índia, onde continuou a disseminar os seus ensinamentos. Ele abrangeu uma vasta porção da Índia, na parte norte da terra, e também, no que é hoje o Afeganistão e o Paquistão Ocidental, porque dez tribos israelitas haviam se estabelecido ali, depois de emigrarem de Israel. 117

118 Quando Jmmanuel tinha por volta de 45 anos de idade, ele casou-se com uma jovem e linda mulher, que lhe gerou numerosos filhos. Ele se estabeleceu, como qualquer chefe de família, na atual Srinagar, na Caxemira, Índia. Dali, ele realizou numerosas viagens e continuou a pregar seus novos ensinamentos. Ele morreu com a idade entre 110 e 115 anos, de causas naturais, e foi sepultado em Srinagar. Judas Iscariotes morreu com aproximadamente 90 anos e foi sepultado próximo à Srinagar. José, o primeiro filho de Jmmanuel, continuou a escrever a história de seu pai e deixou a Índia após a morte de Jmmanuel. Após uma jornada de três anos, ele retornou à terra de seu pai e viveu em Jerusalém até a sua morte. Da Índia, ele trouxe consigo os pergaminhos originais e os escondeu na caverna sepulcral onde jazeu Jmmanuel. Ele considerou ser esse o local mais seguro. Como foi explicado no prefácio, estes pergaminhos foram encontrados ali, dos quais 36 capítulos estão reproduzidos aqui nesta tradução. Hinwil, 20 de Setembro de 1974 Billy Eduard Meier, o editor 118

119 119 CARTA DE ISA RACHID, ANTES DE SER ASSASSINADO, ENVIADA PARA BILLY MEIER BAGDÁ Posta Restante 14 DE SETEMBRO DE 1974 Escritório Central dos Correios Bagdá - IRAQUE Caro amigo Billy, Desculpe-me, caro amigo, por não ter escrito por tanto tempo, e por não ser capaz de enviar-lhe traduções adicionais dos pergaminhos. Isso tem os seus motivos em meus temores o quais infelizmente agora se tornaram realidade. Como eu sempre te dizia, eu estava preparado para que um dia eu fosse perseguido por causa da descoberta dos pergaminhos. Isso agora aconteceu. Quase não fui capaz de fugir de Jerusalém com minha família. Agora eu estou na casa de bons amigos em Bagdá onde, contudo, eu não posso ficar por muito tempo e devo me mudar. Para onde, eu ainda não sei, mas eu lhe avisarei o mais rápido possível. Fui perseguido por dois grupos diferentes, Cristãos e Judeus, como era de se prever. Após ter tido sorte em escapar uma desgraça me ocorreu, que já não pode mais ser desfeita. Primeiro, eu fugi de Jerusalém para o Líbano e permaneci lá num campo de refugiados com minha família. Mas ali, os judeus me localizaram, com seus militares, e atacaram o campo, o que resultou em muitas mortes. Foi somente com grande dificuldade que minha família e eu escapamos do massacre e fomos capazes de fugir mais uma vez. Mas infelizmente todos os pergaminhos se perderam e não estão mais em minhas posses. Eu acredito que eles se queimaram quando os judeus destruíram as casas com fogo, mas talvez eles caíram nas mãos dos judeus? Então os israelitas anunciaram que tomariam ações punitivas contra a guerrilha Palestina. Contudo, na realidade, eles juntamente com algumas pessoas da Igreja Cristã, estavam atrás de mim e meus pergaminhos. Por meio da suposta ação punitiva eles agora foram capazes disfarçados e falsificaram a verdadeira razão e propósito de sua incursão. E por causa do desaparecimento dos pergaminhos originais, qualquer prova se perdeu de que o Novo Testamento da Bíblia é uma ultrajante mentira por onde a humanidade se faz condenada. Caro amigo, infelizmente estes são os últimos fatos e eu espero que você e sua família não encontrem com o mesmo destino que eu. Afinal, você já possui 36 capítulos do Talmud de Jmmanuel e eles representam um grande perigo para a Cristandade, para a fé Judaica a religião Islâmica bem como outras religiões. Portanto, mantenha o meu nome e tudo mais em segredo na ocasião da publicação. Eu imploro que faça isso. Eu sei que posso sempre contar com você e o agradeço por isso. Você terá mais noticias minhas em momento oportuno e eu estou lhe enviando minhas melhores recomendações, também de minha família. ISA RACHID

120 120 SR. ISA RACHID DESCOBRIDOR E TRADUTOR DOS PERGAMINHOS TALMUD DE JMMANUEL DO ARAMÁICO PARA A LÍNGUA ALEMÃ O Ataque Aéreo Israelense que eliminou Isa Rachid De acordo com a carta de Isa Rachid para Billy Meier datada de 14 de Setembro de 1974, Rashid foi forçado a fugir de Jerusalém após ter descoberto que o projeto de tradução e algumas informações a respeito do Talmud de Jmmanuel (TJ) haviam se tornado conhecidas pelas autoridades israelenses. Embora na época em que o Talmud de Jmmanuel foi descoberto em Jerusalém, em 1963, a Faixa Ocidental estava sob controle da Jordânia, mas veio a se tornar jurisdição de Israel após uma curta guerra no ano de A carta de Rashid menciona que ele e sua família tiveram que fugir para um campo de refugiados libanês, mas que um ataque aéreo o destruiu e forçou-o a fugir uma vez mais. Contudo, na carta, Rachid não se preocupou em mencionar a data na qual ocorrera o ataque aéreo, que tipo de ataque foi esse, ou em qual campo de refugiados ele havia estado; pelo contrário, a sua preocupação parecia apenas relatar a terrível notícia à Meier de que ele havia sido forçado a deixar para trás os pergaminhos do Talmud de Jmmanuel, que, presume-se, foram destruídos pelo fogo avassalador. Meier teria que se contentar apenas com os 36 capítulos do Talmud de Jmmanuel, que Rachid havia lhe enviado pelo correio alguns anos antes. É interessante perguntarmos qual ataque israelense, e quando foi esse ataque o responsável pela alegada destruição. Se voltarmos para trás, a partir da data de Setembro, encontraremos relatos em jornais a respeito de uma primeira possibilidade de um bombardeio israelense sobre um acampamento de barracas próximo a Rashaya el-fukhar, no Líbano, em 9 de Agosto de Entretanto, este não era um dos campos de refugiados oficiais apoiados pelas Nações Unidas. Além do mais, parece ter havido uma provocação para esse ataque. que foi prontamente levado a efeito após terroristas libaneses terem

121 seqüestrado vários trabalhadores drusos sírios, que estavam construindo uma cerca de segurança para Israel ao longo da fronteira entre o Líbano e as Colinas de Golã. A partir dai, movamo-nos mais para trás no tempo. Encontraremos outros ataques aéreos anteriores, o quais, também, não foram sobre os campos de refugiados libaneses, até que nos deparamos com uma série de ataques aéreos nas datas de 18,19, e 20 de Junho de Esses foram ostensivos ataques aéreos israelenses sobre vários campos no sudoeste do Líbano, em retaliação á uma incursão de guerrilheiros em Chamir, no norte de Israel, em 13 de Junho de 1974, no qual três israelenses e quatro guerrilheiros envolvidos morreram. O ataque aéreo do dia 18 de Junho é o candidato mais provável a ter atingido o campo de refugiados no qual Rachid e sua família estavam (e o qual podemos rastear o corpo de segurança israelense), já que o ataque aéreo dos primeiros três dias teriam contido o maior elemento surpresa. Esse ataque aéreo em particular, e aqueles dos dois dias seguintes, são aqui os primeiros suspeitos porque o bombardeio israelense parece ter sido incomum e de grande escala, sendo o responsável pela morte de 70 civis e muitos outros feridos (veja o jornal New York Times de 21 de Junho de 1974, págs. 1 e 2), considerando que os guerrilheiros envolvidos na incursão anterior tinham sido em número de quatro e tinham sido mortos cinco dias antes. Em 21 de Junho de 1974, um senador dos Estados Unidos Abourezk da Dakota do Sul, fez um discurso contra a brutalidade destes ataques aéreos. No Congressional Record (Relatório Congressional Vol. 120, Nr. 91) ele declarou: Estou profundamente consternado em notar que o governo de Israel tem efetuado bombardeios aéreos diariamente sobre os civis no sul do Líbano, nas áreas das fazendas, e, na verdade, sobre os campos de refugiados onde os adidos militares que são emanados de Israel dizem que os bombardeios foram destinados a matarem terroristas suspeitos. E no jornal Washington Post de Junho de 1974 declarou: Contrário às especulações publicadas, os alto oficiais do governo dos Estados Unidos ficaram chocados e ultrajados pelo massacre causado pela vingança de Israel na semana passada em bases palestinas, pondo em perigo a frágil esperança de paz para o Oriente Médio. Esta série de ataques aéreos muito provavelmente foram adiados por muito tempo após a suposta provocação para que esta pudesse ter sido uma provocação real. Em contrapartida, os ataques aéreos israelenses de 16 e 18 de Maio começaram somente um dia depois dos três terroristas, que logo foram mortos, terem feito 16 crianças como reféns, em Maalot, no dia 15 de Maio de Uma suposta explicação para o adiamento da retaliação dos dias 18, e 20 de Junho foi oferecida pelo Ministro da Informação de Israel, Aharon Yariv (New York Times, 19 e 20 Junho); ou seja, que o adiamento foi para que se permitisse que o Presidente Richard Nixon calmamente completasse a sua viagem ao Oriente Médio nas datas de 10 à 18 de Junho de Contudo, esta explicação poderia muito bem ter sido uma desculpa aleijada. já que é um grande constrangimento político ter que admitir que um país realizou um série de ataques aéreos brutais, e devastadores, supostamente destinados a eliminarem terroristas, de modo a evitar com que o chefe executivo se irritasse com a sua nação beneficiada número um. O jornal Washington Post em sua edição anterior indicara, como era de se esperar, que, na realidade, os altos oficiais estavam ultrajados com os ataques aéreos mesmo embora eles não tivessem ocorrido até um pouco após o fim da viagem de Nixon. O ministro Yariv tinha sido o ex chefe da inteligência de Israel; por isso, ele poderia muito bem ter tido a necessidade de encobrir a história desses ataques. Os ataques aéreos foram efetuados mais ou menos três semanas após Yitzhak Rabin ter substituído Golda Meir como primeiro ministro de Israel, e Shimon Peres sucedeu Moshe Dayan como ministro da defesa. Se dermos crédito potencial ao relato de Isa Rachid, podemos supor que os agentes israelenses estavam atrás de Rachid e que quase o capturaram em Jerusalém, haviam descoberto que ele tinha fugido para um campo de refugiados em particular. O mais altos oficiais israelenses, sabendo que os pergaminhos do Talmud de Jmmanuel (TJ) era perigosos para o Judaísmo bem como para o Cristianismo, consequentemente, planejaram a ação para eliminarem os pergaminhos. Eles poderiam ter concordado em esperar até que houvesse algum tipo de provocação, mas a viagem do 121

122 Presidente Nixon fez com que os seus ataques fossem adiados por mais tempo do que eles desejavam. Os ataques aéreos sobre os outros campos de refugiados nos dois dias seguintes, 19 e 20 de Junho, podem ter sido intencionados para desviarem a atenção de outros alvos, e um em particular aquele onde Isa Rachid e sua família estavam. Em resumo, a declaração de Rachid de que os ataques aéreos tinham o propósito de atingirem a ele e aos pergaminhos do Talmud de Jmmanuel (TJ) é consistente com os eventos delineados acima. Contudo, não há provas definitivas disponíveis que poderiam verificar o seu relato, e ele não está mais vivo para testificar a sua verdade. Dr. James W. Deardorff. UMA PALAVRA IMPORTANTE A RESPEITO DAS FORÇAS OCULTAS E DA MEDITAÇÃO. Especialmente nos dias de hoje, muitos seres humanos que exploram, se deparam com as temáticas que se referem ao oculto. Muitos ficam fascinados por ele e por esta razão se dedicam às áreas do oculto, apesar de não saberem do que realmente se trata o oculto ou as forças ocultas. Por isso, os enganos e as suposições errôneas estão na ordem do dia, sendo especialmente os contribuintes para isso aqueles que com arrogância se autodenominam e qualificam a si mesmos de esotéricos ou parapsicólogos, pretendendo saberem de tudo e dotando a tudo de uma aura de mistério, enigma, e de não terrestre, ainda que não possua a menor noção de todo o oculto, das forças ocultas e demais pormenores. Muito especialmente, são os esotéricos e parapsicólogos de primeira classe que, com explicações misteriosas, e muitas vezes incompreensíveis e afirmações confusas, são loucos e levam até as raias do medo e do terror, a miséria, ao fanatismo, ou as absurdas crenças dementes e suposições equivocadas a todos aqueles que estão em busca da verdade real, ou aqueles que estão caindo numa enorme crença errônea, a raiz de sua já existente instabilidade de crença obsessiva. O certo é que muitas pessoas, só de escutarem ou lerem algo referente ao ocultismo ou o oculto em si, adotam uma atitude de rechaço. Muitos se distanciam dele, ou ainda, se enojam ao ser feita qualquer insinuação a respeito das forças ocultas. Com efeito, esta reação não é assim tão injusta, pois são muitos os enganos, a mentira, e a fraude, a ânsia pelo lucro fácil, os ensinamentos errôneos, a atitude de sabe tudo e a evidente enganação até a morte e o assassinato que, no final, estão conectados ao oculto, de onde a credulidade, a crença obsessiva e o fanatismo especialmente, fazem um papel reprovável. E especialmente aparecem com estas más maquinações todos aqueles enganadores, dementes, tubarões do lucro, charlatões, santos e enviados de deus, bem como os obsedados pelo espírito santo ou pelo diabo e demais auto enganados e mentirosos que se denominam médiuns e canalizadores, assim como também os supostos contatados pelo diabo e por espíritos possíveis e impossíveis, demônios e formas de vida de todos os tipos. Do além, deste mundo, e de todo o Universo. Todavia, os diretamente envolvidos e seus crentes certamente nunca querem reconhecer que geralmente tudo são apenas mentiras e fraudes, assim como muitas vezes auto engano. O fato é que agora praticamente todos os canalizadores e médiuns não são outra coisa que enganadores de si mesmos ou mentirosos, embusteiros e fraudulentos, que mediante as suas más maquinações cobram e exploram aos crentes tolos e demais fiéis. Portanto, quando não são mentirosos, embusteiros e enganadores no sentido usual, então caem sob a categoria daqueles que através de sua crença ou fanatismo vivem idéias obsessivas enganando a si mesmos, porque por meio de suas próprias forças mentais e sentimentais, criam e dão vida dentro de si mesmos a entidades que em pouco tempo as dominam de tal maneira que em qualquer momento oportuno ou inoportuno, estas entidades podem entrar em contato com a própria pessoa que as criou, podendo comunicar-se com elas. Desta maneira, os que geram dentro de si mesmos a estas entidades, escutam vozes imaginárias auto criadas, em tom de voz alto ou baixo, com as quais pode conversar assim como o faz uma pessoa com outra. Também é possível, e isto ocorre com frequência, que através de suas forças ocultas inconscientes alguns seres humanos criam dentro de si a entidades que se comunicam com elas, falando com as 122

123 vozes de falecidos que passaram para o além há muitos anos, séculos, ou milênios, sem que os próprios criadores das entidades interiores tenham conhecido os falecidos. O fato é que para estas vozes poderem se desenvolver, se deve ao fato de que todos os seres humanos, em compenetração inconsciente e espiritual, constituem uma forma de nós mesmos que armazena em seu inteiro, em conjunto, assim como em forma individual, dos bancos de memória do planeta (Registros Akashicos), de onde então partem os impulsos do conhecimento (quer dizer neste caso uma voz), são retirados pelo criador das entidades interiores, para fazer com que esta fale através da entidade interior, pela qual é dominado e desencaminhado. Em casos muito degenerados, como também o comprova toda a história humana, através de milênios, sempre ocorre que os seres humanos, por meio de suas forças ocultas geram dentro de si a entidades que então dominam a quem as gerou, até a última fibra de seu próprio ego exercendo um poder absoluto sobre ela, e de tal maneira, que o corpo físico do criador da entidade finalmente se desintegra lenta, mas inevitavelmente e se destrói. Isto pode acontecer especialmente quando um ser humano gera dentro de si a várias entidades que o dominam de forma alternada ou que atuam umas contra as outras de maneira destrutiva, destruindo justamente ao próprio ser humano. Porém, o que são estas entidades criadas pelo homem dentro de si mesmo por meio das forças ocultas? Esta entidade pode se tornar tão forte diante da pessoa que a criou, que ela se torna autônoma, de modo que consequentemente pode entrar em contato por vontade própria com o eu da pessoa que a criou. Esta autonomia e vontade própria se baseia em que o eu da entidade criada está mais fortemente marcado com o eu do criador. Isto significa que a pessoa, a raiz de seu próprio eu instável, concede uma primazia ao segundo ego (entidade) criada dentro de si, e se subordina a mesma. Desta maneira pode-se concluir que o segundo eu, ou melhor, uma entidade interior criada, tome perfeita possessão do ser humano que criou dentro de si a esta entidade, não importando quais tenham sido os motivos para a criação. Um dos motivos mais frequentes para a criação de tais entidades interiores pode ser encontrado nos complexos de inferioridade das pessoas que as criam. Do mesmo modo se apresentam aquelas razões que se baseiam na obsessão religiosa e o fanatismo. Quanto mais o ser humano instável cria dentro de si tais entidades interiores, ou seja, egos, mais perigosas elas se tornam para ele. Rapidamente ele perde o controle de si mesmo e assim também das entidades interiores que então começam a dominá-lo. Nos casos menos graves se manifestam também o fato de que as pessoas que criam a tais entidades interiores podem se dirigir a elas e receber respostas destas, podendo-se muitas vezes entabular uma conversação animada. Para entrar em contato com a entidade interior, as pessoas portadoras das entidades imaginam estados de transe ou algum movimento ou contorção rara, exercícios de concentração, uma mudança na expressão do rosto, ou qualquer coisa que seja para que se produza o contato. Então, os crentes e esotéricos obsessivos e os parapsicólogos, chamam a este tipo de gente de portador de entidades (assim como é o caso, por exemplo, com as norte americanas Chris Griscom e com a escritora canalizadora Jane Roberts SETH que por sinal foi um fratricida que matou ao seu próprio irmão para chegar ao poder) de médium, contatado e canalizador, completamente sem saber do que se trata todo o resto, e sem noção alguma de este tipo de seres humanos tem o ego extremamente instável que não tem o poder sobre os seus próprios egos. Nos casos mais agudos se fala de uma enfermidade mental (por exemplo: com respeito a vozes que são acompanhadas por transtornos da psique ou da consciência, já visíveis ou reconhecíveis, e por demência) enquanto que com respeito às formas de manifestação grosseiras se fala de possessão, tratando muitas vezes os exorcistas de expulsar o (os) diabo (os) daqueles seres humanos, quando na realidade é somente o domínio de suas próprias entidades (egos) criados por eles mesmos, que realmente não se pode fazer desaparecer por obra de expulsadores do diabo ou do demônio, senão somente pela razão e 123

124 pelo amor puro de seres humanos dedicados a verdade, fazendo papel importante também a psicologia e a boa psiquiatria. Muito especialmente, com respeito a meditação, se deve falar incondicionalmente sobre o tema das forças ocultas. Tem que se falar especialmente dela porque as forças ocultas pertencem a um nível muito inferior, que impelem, e muito, ao ser humano que explora, até um caminho que geralmente o leva muito além de tudo o que seja criacional, de toda a verdade e de todas as leis e mandamentos. Especialmente durante a meditação, as forças ocultas podem produzir na pessoa que medita confusões e equívocos que conduzem à fixações e idéias obsessivas catastróficas. Mas, o que são as forças ocultas? Quanto as forças ocultas, assim como o ser humano as conhece, temos que dividi-las em dois níveis. O primeiro nível é aquele que deve denominar-se como de uma dimensão diferente, porque se encontra fora do mundo da matéria grosseira. Isto significa então que estas forças ocultas são provenientes de um nível que é invisível e intocável para o ser humano do mundo da matéria grosseira. Estas são as forças ocultas que, por trás do véu da invisibilidade, podem ser percebidas de forma mental por seres humanos sensíveis a recepção, já que as forças ocultas são forças exclusivamente dos níveis de matéria sutil e imateriais. São imateriais e de matéria sutil porque estão deslocadas, no que diz respeito ao tempo e espaço, do mundo da matéria grosseira do homem. Estes níveis, invisíveis e intocáveis para o homem terrestre, são muito variados, e se encontram tanto no passado como também no futuro, ainda que também temos que considerar a área do presente. Não obstante, o homem terrestre não tem o que temer de nenhum poder ou força oriundos destes níveis, já que seres capazes de viajar no tempo não se manifestam de forma material na Terra, sejam de atitude hostil ou pacífica para com o homem terrestre. Geralmente, as forças ocultas destes níveis de maneira nenhuma podem por o ser humano em perigo porque as dimensões diferentes formam barreiras intransponíveis, e somente através de viagens materiais no tempo poderiam apresentar algum perigo, se formas de vida dimensionadas de outra maneira e hostis pudessem penetrar de forma material na estrutura de tempo e espaço do ser humano terrestre. O segundo nível das forças ocultas que podem ser extremamente perigosas para o ser humano da Terra e que podem trazer a destruição e a morte, se encontram no campo psíquico do próprio homem. Estas forças ocultas que podem tornarem-se perigosas para o homem são criadas e obrigadas a agirem pelo próprio homem. Isto acontece pelos próprios pensamentos do homem que em forma de crença obsessiva, obsessão religiosa e sectária e demais idéias obsessivas, cria ilusões pelas quais então é dominado sem salvação. Assim, por meio de sua imaginação, o homem cria dentro de si mesmo as forças essenciais que se manifestam então nas formas mais variadas e que ele muitas vezes projeta também por meio das forças liberadas por ele mesmo. Essas forças essenciais criadas pelo homem então formam uma personalidade com um eu próprio, que se abastecem e se abarrotam dos desejos mais escondidos e das ilusões e crenças obsessivas do criador. Estes seres fictícios criados pelo homem, que na verdade são desejos profundos escondidos no subconsciente e idéias crenças obsessivas, podem se tornarem tão fortes e dominantes pela força imaginativa do criador, que podem dominar a consciência material da pessoa em questão. Em especial as pessoas instáveis se deixam dominar por estes seres fictícios criados por elas mesmas, subordinando-se as forças ocultas destes seres. Ao não reconhecer a verdade, o homem denomina a estes seres fictícios criados dentro de si mesmo e por ele mesmo como formas astrais e de outra dimensão, com as quais então, o homem pode entrar em contato. Esta falsidade se fomenta ainda mais, porque frequentemente o ser humano que crê em tais forças pode entrar em contato com 124

125 estas de tal modo que estabelece uma aparente conexão e comunicação por meio da chamada escrita automática (psicografia), ou escutar vozes tênues ou fortes, ou muitos outros fenômenos. Todas estas pessoas que sofrem de tais ilusões obsessivas, são alheias a realidade, vivem em mundos fictícios e estados fictícios, e inclusive são capazes de imitar a caligrafia e a pronuncia de pessoas falecidas. Basicamente, a essência mais íntima e os desejos mais íntimos destes seres humanos são cheios de discrepâncias, pois são prisioneiros de si mesmos. Nunca podem se comportarem diante do mundo exterior livremente como para externar os seus mais íntimos desejos, impulsos, e degenerações etc. etc. num profundo bloco de poder de si mesmos que então se convertem em uma força essencial própria e com isto em um ser próprio que libera os desejos e impulsos reprimidos etc., até o exterior e a consciência material do homem, quando ele busca comunicação com estes seres fictícios. As forças ocultas destes seres fictícios criados pelo próprio homem, muitas vezes se tornam tão poderosas, que a respectiva pessoa é completamente dominada por elas. Como consequência final, estas forças ocultas se tornam inclusive tão poderosas que a pessoa que as gerou já não tem que buscar contato com elas, senão que se realiza um contato permanente por parte das próprias forças ocultas. Criar e contatar tais forças e seres geralmente está ligado a perigos extremamente grandes. Os seres deste nível são muitas vezes hostis a verdadeira meta da vida evolutiva e criacional porque a própria pessoa em questão se opõe a vida em verdade e aos ensinamentos da verdade. Pouco tempo após a criação de tais seres fictícios, estes mesmos seres entram em contato com o criador e com o homem que em sua busca perambula por caminhos errôneos, e lhe oferecem forças e experiências ocultas, mas somente para desviar ainda mais a pessoa do caminho da verdade e da lógica, levando-o a extraviar-se; ou também, para estabelecer o domínio definitivo sobre ele, ou para aproveitar-se dele para os seus próprios interesses, porque como última consequência, esta falsa forma de essência se torna autônoma em seu pensar e agir, perseguindo objetivos próprios, já que a força se torna dominante na consciência material do homem. Devido a todos os seres humanos terrestres, alguns mais, outros menos, estarem sob influências religiosas ou estritamente sectárias, que exercem sua eficiência até o mais profundo do subconsciente, os seres fictícios se apresentam, muitas vezes, como poderes divinos, como anjos, como Jesus Cristo, ou simplesmente, como seres viventes submissos a deus, levando a pessoa em questão a desorientação, mediante influências, declarações e incitações falsas e irreais, distorcendo os verdadeiros ensinamentos espirituais e exigindo do homem uma existência submissa e temerosa de deus. De tais seres fictícios brotam os mais fantásticos ensinamentos errôneos, as confusões, e inclusive, ameaças de morte em nome de deus e em nome das seitas e religiões, que geralmente são transmitidas de forma imperativa ao criador e levadas a cabo por este. Em todo caso, o que é muito perigoso é que praticamente nenhum ser humano está a salvo de converter-se em sua própria vítima, porque praticamente cada ser humano carrega desejos e impulsos ocultos, que a raiz de tratamentos inadequados podem conduzir a criação de tais seres fictícios que exercem então sua força oculta sobre o homem. E assim sendo, isto representa um dos principais perigos na vida mística, pelo qual se exorta a cada ser humano, que sempre está extremamente alerta e que segue de maneira precisa e correta os ensinamentos espirituais. Especialmente às duras penas, preocupações, privação da liberdade, medo, solidão, crença religiosa e através da meditação errônea, etc. podem gerar internamente tais formas de essências que, mais cedo ou mais tarde, toma o poder sobre o homem, exercendo um domínio absoluto, quando estas forças internas ocultas e criadas pelo próprio homem atuam fora de seu controle. Como foi mencionado, este perigo existe muito especialmente por meio das penas, das preocupações, privação de liberdade, medo, solidão, crença religiosa e pela meditação errônea, respectivamente, a aplicação e a realização errada da meditação, por isso se aconselha que os exercícios meditativos se realizem de maneira extremamente precisa e de acordo com as instruções. Se uma pessoa deseja se ocupar com estas forças ocultas e aclarar-se a respeito delas, então é melhor, em todo caso, que busque em primeiro lugar o contato com o seu próprio ser interior e com 125

126 a sua psique, bem como com o seu espirito por meio da meditação, antes de acercar-se desta região oculta. É certo que talvez um outro ser humano seja capaz de entrar em contato com as suas forças internas normais, se isto não tem que ser aprendido primeiro por meio da meditação, porém, também para estes, o caminho mais seguro é que busquem primeiro o contato com o seu próprio ser interior, com a sua psique e com o seu espírito, antes de pôr-se em contato mais próximo com as suas próprias forças ocultas. O fator mais importante e decisivo é, e sempre será, que primeiramente nada afete o desenvolvimento da psique, antes de cercar-se das leis e aparências ocultas. Isto deve ser considerado como o principal mandamento. Neste contexto, não podemos evitar que se assinale também a existência dos poderes adversos que se enumeram tanto na cabala, nos antigos mistérios egípcios e nos antigos Vedas hindus, e que também, desde tempos imemoriais, se conhecem no mundo cristão, mesmo quando interpretados e divulgados sob aspectos falsos. Aquele que está aprendendo a meditação, a pessoa que inicia sua meditação com alegria e otimismo, animado pela esperança de que no final irá encontrar algo que lhe possa dar um verdadeiro sentido em toda a sua vida, geralmente terá, no princípio da meditação, experiências muito boas e quase sempre são positivas; o qual é justo e bom que seja, pois começar com uma experiência positiva já oferece muitíssimas vantagens. Porém, apesar das primeiras experiências positivas, estas em geral não duram, pois geralmente depois de certo tempo, surgem na pessoa o desgosto e o desânimo aos quais, prontamente, se juntam as dúvidas. O primeiro esfuziante entusiasmo depois do primeiro período de exercícios recebe um freio. Isto se deve a que certos poderes adversos se fazem notar dentro do homem, invisíveis e despercebidos para ele. Estes poderes adversos por sua vez, não são outra coisa do que aqueles profundos e escondidos desejos e impulsos internos do homem que querem ser mais e querem mais poder do que a consciência material do homem pode captar nesse momento. Isto leva a impaciência que prontamente se manifesta em desgosto e desânimo, as quais prontamente também, se unem as dúvidas. Tudo se realiza simplesmente de uma maneira lenta, e se aprende com demasiada dificuldade e insuficiência. Esta é uma característica do homem, que sempre quer ter, alcançar e poder algo mais rapidamente do que é possível de acordo com a sua inteligência e razão. Esta impaciência está relacionada com a suposição errônea na qual vive o homem, que pode aprender uma matéria mais rapidamente e melhor do que a realidade que lhe é possível. Esta suposição errônea é o resultado de uma super estimação de si mesmo quanto a sua inteligência, razão e capacidade de compreensão etc. etc. Infelizmente, o ser humano sempre se vê e se sente maior e melhor do que realmente é pelo qual os poderes adversos adquirem presença nele, podendose fazer notar através de persuasões perceptíveis apenas na consciência material de quem está meditando. Uma característica especial de tais persuasões por parte dos poderes adversos, é o de motivar a pessoa que medita a não observar com rigor o cumprimento do tempo da meditação ou de abandonar finalmente a meditação. Consequentemente, estes poderes adversos produzem o pensamento urgente de que a meditação e realmente nada tem de novo a oferecer e que a pessoa que medita conhece já muito bem a tudo. Estes poderes adversos, com as suas persuasões apenas perceptíveis, contudo, nunca falam que o conhecimento profundamente enterrado de tempos antigos e aprendizagens antigas, só tornam a aparecerem mediante a meditação na forma de pressentimentos, como recordações borradas. Tampouco falam de que somente através da meditação é que regressam estas lembranças. Quanto mais profundas e insistentes se tornam as insinuações destes poderes adversos dentro do ser humano, tanto mais se adiantam as depressões e inclusive estados de angústia e as dúvidas, as quais muitas vezes estão unidas a uma crítica desmesurada e injustificada da meditação. Outro ponto digno de mencionar-se e que deve denominar-se importante é que tais persuasões e influências destes poderes adversos, insistem em que a realização da suspensão da meditação ou do não 126

127 cumprimento do tempo fixado, se faça valer com efeitos e consequências imediatos. Estas forças adversas possuem a característica de não deixar, a pessoa que medita, o tempo para refletir, nem tampouco o tempo para uma resistência. Não obstante, se a pessoa que medita se opõe a todas estas forças adversas, então elas trocam de forma e a maneira dos ataques, os quais então, provocam no homem um sentimento de sua própria incapacidade, que dizer, como se o meditador não fosse capaz de compreender, assimilar e avaliar a meditação. Se isto tampouco de nada serve, então, as forças adversas mudam de tal forma que o influenciam mediante a consideração que o editor da Introdução à Meditação não se preocupou o suficiente com os seus discípulos, nem tampouco presta de alguma ajuda apropriada (p. ex: na forma de cursos de meditação). Tampouco são raras as persuasões em que a meditação não esteja dando o que se deseja obter. Todos estes sentimentos surgem das persuasões das forças adversas, que estão unidas a pensamentos de que a pessoa que medita seja incapaz de um contato com a sua consciência superior. Se então o homem não é forte o suficiente, então, pronto, lhe dominam os sentimentos correspondentes e ele não pode lograr uma comunicação com a sua consciência superior. A fase final e conclusiva de todas as adversidades e persuasões negativas são então o que formam o pensamento de que o praticante da meditação poderia igualmente viver muito bem sem a meditação e sem o ensinamento espiritual e seu seguimento, e que poderia subsistir também com algo diferente e comum. Também é comum o pensamento de que a meditação ocuparia muito tempo e que algo puramente material também poderia levar ao êxito. Infelizmente, muitos seres humanos demonstram evitar as crises e as provas que se originam constantemente, porque com respeito a meditação etc. se imagina tudo de uma forma muito mais fácil do que na verdade é o caso. Contudo, a verdade é assim, que os grandes esforços, as grandes dificuldades e as privações com respeito aos exercícios da meditação nunca foram ocultos e nem tampouco se calou o feito de que por trás dos exercícios da meditação se encontra um trabalho muito árduo e prolongado. É um fato também, que a pessoa séria, que medita e busca verdadeiramente, sempre deve se esforçar muito estritamente se deseja alcançar a sua meta determinada. Também a ele, com frequência, se resultara difícil manter-se firme. Só que com ele haverá menos dificuldades de não seguir um impulso irreal de dedicar-se a um trabalho momentâneo, mas, agradável e mais excitante e uma diversão, quando seja acossado pelas persuasões adversas. Tudo o que se requer para a realização e o cumprimento da aprendizagem da meditação é: que se reconheça a verdade e justamente esta possibilidade é oferecida a quem pratica a meditação e que o ser humano se abra para o contato com o seu próprio ser interno e com a força criacional. O ser humano deve ser capaz de procurar a admiração para o espírito, poder dedicar-se as alegrias e os anseios superiores, e estar disposto a reconhecer e compreender a verdade. Isto é um pré requisito para tudo. Contudo, só com isto não basta! Em algum momento deve realizar-se um reconhecimento da verdade verdadeira e todas as essências. Ainda que todavia hajam grandes enigmas e dificuldades que então, entretanto, podem ser superados de uma maneira mais fácil. Uma vez que esteja formado, o espírito pensa, e isto é justamente o que o ser humano deve dar-se conta. O vital dentro do próprio homem que se revela através da verdade. Para concluir este tema, uma palavra a respeito das forças ocultas do primeiro nível: Para o ser humano da Terra pode ser muito bem possível estabelecer monólogos, diálogos ou contatos com as forças ocultas do primeiro nível. Ainda que, como foi dito, as forças ocultas deste nível não podem trazem perigos diretos para o homem terrestre. Não em último caso, isto se baseia em tais contatos 127

128 com as forças ocultas do primeiro nível que podem se estabelecerem e se introduzirem somente quando um ser humano tenha se desenvolvido espiritualmente até um nível mais elevado (veja-se os relatos dos contatos com Semjase). Também, por esta razão, existem em todo o mundo apenas escassamente duas dezenas de pessoas que são capazes de tais contatos. Também se considera que justamente estes seres humanos capacitados não saem à público dando a conhecer as suas capacidades. Somente saem com tais afirmações ao público aquelas pessoas que de nenhuma maneira são capazes de tais contatos, e quando os seus chamados contatos respectivos não pertencem aos contatos do primeiro nível, senão que são do segundo nível. Por isso se garante ao ser humano a certeza de que qualquer coisa que se escute com respeito a supostos contatos, não representam e encarnam outra coisa senão a idéias obsessivas alucinantes e outras ficções deste tipo. Estes por sua vez são provenientes, sem exceção, de pessoas que geram contatos com o chamado segundo nível que é denominado como o nível da auto criação de pensamentos confusos obsessivos e conjecturas obsessivas, com as quais o ser humano engendra essências auto criadas, e com as quais pode entrar em contato de forma comunicativa e que falam e respondem, ou que dão ao criador, qualquer detalhe confuso e quase sempre religioso (por exemplo: mestres ascensionados que não existem e nem nunca existiram, cristos, maitreyas, budas, e seres interplanetários etc.) e apresentam ensinamentos igualmente confusos, com os quais não se pode excluir que tais essências auto criadas e geradas pela obsessão, frequentemente dão ordens mortais e sangrentas aos seres humanos que as geraram, baseando-se estas em que os próximos devam ser assassinados e bestialmente sacrificados em nome de deus ou em nome de Jesus Cristo ou em nome de Satanás, etc. Somente em casos de absoluta exceção saem a luz pública aqueles seres humanos com conhecimento quando tem contatos reais com o primeiro nível, se isto está relacionado com ele em consequência de uma missão especial e de necessidade vital para toda a humanidade terrestre. Isto tem que ser dito com absoluta claridade. Billy Eduard Albert Meier Translation by/tradução por "WASSERMANN ZEIT" Sábado, 25 de Maio de 2002 Personalidade Múltipla e Crimes Esotéricos Sempre que nos deparamos com notícias sobre crimes bárbaros e cruéis que, de alguma forma envolvem o satanismo, há uma tendência popular em atribuí-los a alguma manifestação da "loucura". Imediatamente a psiquiatria é questionada sobre qual eventual tipo de doença mental estaria em jogo. Uma divisão didática das condições associadas aos crimes esotéricos é a que se segue: As alterações psíquicas bastante envolvidas com crimes esotéricos e/ou satânicos são o Transtorno de Personalidade Múltipla (Personalidade Dupla, etc.) e o Transtorno de Transe e Possessão, a primeira preconizada pelo CID.10 e a segunda pelo DSM.IV. De qualquer forma, seja o primeiro ou o segundo nome, esse estado patológico está sempre atrelado ao comportamento histérico e dissociativo. Pelo CID-10 o Transtorno de Transe e Possessão é caracterizado por uma perda transitória da consciência de sua própria identidade, associada a uma conservação perfeita da consciência do meio ambiente. Devem aqui ser incluídos somente os estados de transe involuntários e não desejados. 128

129 Exclui-se desse diagnóstico os casos decorrentes do contexto cultural ou religioso da pessoa, como por exemplo, o transe que a pessoa experimenta durante uma sessão espírita, de umbanda, etc. O Transtorno de Personalidade Múltipla (atualmente melhor designado Transtorno Dissociativo de Identidade, DSM.IV) tem como característica essencial a presença de duas ou mais identidades ou estados de personalidade distintos, que recorrentemente assumem o controle do comportamento da pessoa. No Transtorno de Personalidade Múltipla clássico e típico existe uma incapacidade de recordar informações pessoais importantes, cuja extensão é demasiadamente abrangente para ser explicada pelo esquecimento normal. Psicopatologicamente, o Transtorno Dissociativo de Identidade reflete um fracasso em integrar vários aspectos da identidade, memória e consciência. Cada estado de personalidade pode ser vivenciado como se possuísse uma história pessoal distinta, autoimagem e identidade próprias, inclusive um nome diferente. Em geral existe uma identidade primária, portadora do nome correto do indivíduo, a qual é passiva, dependente, culpada e depressiva. As identidades alternativas com frequência têm nomes e características diferentes, que contrastam com a identidade primária (por ex., são hostis, controladoras e autodestrutivas). Identidades hostis ou agressivas podem, por vezes, interromper atividades ou colocar as outras em situações incômodas. Os indivíduos com este transtorno experimentam frequentes lacunas de memória para a história pessoal tanto remota quanto recente. A amnésia frequentemente é assimétrica. Pode haver perda de memória não apenas para períodos recorrentes de tempo, mas também uma perda geral da memória biográfica para algum período extenso da infância. As transições entre as identidades frequentemente podem ser ativadas pelo estresse psicossocial, pela ansiedade exagerada, pela tensão pré-menstrual (veja esse transtorno no DSM.IV). Em geral, as pessoas que recebem o diagnóstico de Transtorno de Personalidade Múltipla já passaram pelo menos sete anos no sistema de saúde mental. Segundo várias pesquisas sobre estes pacientes, 90% deles são depressivos, 61% fizeram sérias tentativas de suicídio, e 53% têm uma história de abuso significativo (veja artigo completo sobre Personalidade Múltipla). A cultura, através da mídia, da literatura e do folclore forneceu modelos de personalidades alternantes para as mais diversas aspirações histéricas, desde Mr. Spock, Tartarugas Ninjas, pomba Gira, até os mais pervertidos demônios, vampiros e lobisomens. 129

130 130 CHICO XAVIER IDOLATRADO E FARSANTE! Tinha apenas um bom coração mas era um auto iludido. CHICO XAVIER O TESTEMUNHO DO SOBRINHO Amauri Xavier Pena, filho da irmã mais velha de Chico Xavier, Dona Maria Xavier, foi escolhido pelo tio para ser seu sucessor. Vinha treinando desde os treze anos. Aos 17 anos cedeu às insistências do tio. Treinado com grande constância na psicografia, mostrou maior facilidade do que o famoso tio para imitar os autores que lia. E assim publicou mais de cinquenta livros psicografados imitando mais de cinquenta autores, cada qual no seu próprio e inconfundível estilo. Recebeu também uma epopeia de Camões em estilo quinhentista, Cruz e Sousa, Gonçalves Dias, Castro Alves, Augusto dos Anjos, Olavo Bilac, Luís Guimarães Jr., Casemiro Cunha, Inácio Bittencourt, Cícero Pereira, Hermes Fontes, Fabiano de Cristo (?!), Anália Franco..., e até Bocage e Rabindranath Tagore. O boletim espiritista Síntese, de Belo Horizonte, fazia a divulgação. Um grande médium era proclamado, mesmo depois da auto retratação em Julho de 1958 no Diário de Minas. E lá mesmo, perante os jornalistas, imitou diversos estilos de autores famosos. Tudo o que tenho psicografado até hoje, apesar das diferenças de estilo, foi criado pela minha própria habilidade, usando apenas conhecimentos literários, declarou. E proclamou que seu tio Chico Xavier não passa de um grande farsante. E à revista Manchete : Revoltava-me contra as afirmações dos espiritistas (que diziam que era médium). Levado à presença do meu tio, ele me assegurou, depois de ler o que eu escrevera, que um dia eu seria seu sucessor. Passei a viver pressionado pelos adeptos da terceira revelação... como absurdamente chamam ao Espiritismo, com ele pretendendo suplantar, após as revelações do Pai e do Filho, a Terceira Revelação pelo Divino Espírito Santo o dia de Pentecostes. A situação torturava-me, e várias vezes, procurando fugir àquele inferno interior, entreguei-me a perigosas aventuras, diversas vezes saí de casa, fugindo à convivência de espíritas. Cansado, enfim, cedi dando os primeiros passos no caminho da farsa constante. Tinha então 17 anos. Perseguido pelo remorso e atormentado pelo desespero, cometi vários desatinos (...). Vi-me então diante da alternativa: mergulhar de vez na mentira e arruinar-me para sempre diante de mim mesmo, ou levantar-me corajosamente para penitenciar-me diante do mundo, libertando-me definitivamente. Foi o que decidi fazer procurando um jornal mineiro e revelando toda a farsa (...).

131 Meu tio é também um revoltado, não conseguindo mais recuar diante da farsa que há longos anos vem representando. Eu, depois de ter-me submetido a esse papel mistificador, durante anos (...), resolvi, por uma questão de consciência, contar toda a verdade (Ver também Estado de Minas, 20/1/1971; revista Realidade, Novembro 1971, pág. 65; etc.). Francisco Cândido Xavier ( ), mais conhecido como "Chico Xavier", começou a exercer sistematicamente como "médium" espiritista psicógrafo à idade de 17 anos no Centro Espírita de Pedro Leopoldo, sua cidade natal. Durante as últimas sete décadas foi sem dúvidas e cada vez mais uma figura muitíssimo famosa. E a mais considerada pelos milhões de espiritistas do Brasil. E muito estimada inclusive por milhões de outras pessoas não-espiritistas. Principal motivo e base de toda a exaltação propagandística: além de inumeráveis bilhetes e breves mensagens, 419 livros psicografados. Nenhum autor brasileiro tem tamanha produção. Entre 8 a 11 livros por ano. A Federação Espírita Brasileira (FEB) e outras entidades espiritistas sistematicamente publicam esses livros traduzidos em oito idiomas, inclusive japonês, árabe... E esperanto, distribuindo-os por mais de 40 países. No Brasil, 25 milhões de exemplares vendidos. Acrescenta-se, para a admiração popular, que "Chico" cedeu todos os direitos autorais a diversas entidades espiritistas de atendimento aos pobres. A organização de propaganda espiritista apresentou pessoalmente Chico Xavier, com seus livros, por diversas cidades de Estados Unidos, Inglaterra, França, Itália e Portugal. Uma das mais destacadas consequências práticas dessas viagens foi a fundação do "Christian Spirit Center", em Ellon College, Carolina do Norte. Em numerosos jornais e revistas foram publicados e repetidos sem cessar grandes elogios à psicografia de Chico Xavier: "Os poetas de que ele é intérprete, apresentam as mesmas características de inspiração e de expressão que os identificavam neste planeta". "Anos após a sua morte, é dado encontrar-lhe novamente as idéias e o estilo". "não atraiçoou poeta algum, pois todos se apresentam realmente como eram em vida". "Ninguém que haja lido assiduamente os escritores em questão, deixará de reconhecê-los integralmente nas poesias ou livros psicografados". Apregoam que inclusive o grande crítico literário Agripino Greco reconheceu nas psicografias de Chico o inconfundível estilo de Umberto de Campos... "Se o homem produziu tudo aquilo por conta própria, então ele pode ocupar quantas cadeiras quiser na Academia". Etc. A propaganda espalha pelo Brasil inteiro (e sem tanto êxito em muitas outras partes do mundo), a pergunta: "Como é possível que um ignorante e iletrado seja capaz de escrever tudo isso e em diferentes estilos?" 131 A REALIDADE É MUITO DIFERENTE Direitos autorais Não foram empregados só em atendimento aos pobres, senão também e preferentemente para divulgação dessas psicografias e para propaganda do Espiritismo. Concretamente já aludimos ao "Christian Spirit Center", que pessoalmente Chico ajudou a fundar. Precisamente junto ao centro onde atendia Chico havia uma livraria de Espiritismo. Etc.

132 132 ACADEMIA? Há falsários perfeitíssimos que enganaram aos melhores museus e especialistas. Mas descoberta a falsificação, nenhum falsário foi elevado à cadeira de nenhuma academia: imitação não é originalidade. O pastiche não é a genialidade. ILETRADO? "Fez o curso primário e estudou mais um ano com uma professora particular, que testemunha: Distinguia-se por sua inteligência, sua memória prodigiosa e sua aplicação ao estudo. Só queria ler, não participava dos brinquedos nem das rodas dos outros meninos, e quando deles queria participar era tão sem jeito e sem graça, que preferia desistir" ("O Diário" de Belo Horizonte, 1954, serie de artigos). E outro pesquisador no "Diário de Minas" (10-858): "Que Chico Xavier não é um iletrado, como espalharam seus admiradores, não é novidade. Já há cerca de quinze anos acentuei como fez estudos secundários, e ainda muito jovem publicava sonetos seus, com sua assinatura, como um que transcrevi naquele artigo, sonetos melhores do que muitos psicografados que ele atribui à Bilac, por exemplo". Em todas as psicografias de Chico Xavier o fundo é sempre o mesmo por mais diferentes que tenham sido os "espíritos" aos que se atribuem: Uma religiosidade moralista, piegas, melíflua, repetitiva, absolutamente infantil... Quase três adjetivos por linha. Os mais usados: cariciosas, dulcíssima, inexcedível, amados... Deveria bastar ler qualquer livro psicografado por Chico Xavier para compreender que tudo está muito longe de ser o que seus propagandistas proclamam. Tomemos a melhor publicação, a mais elogiada: "O Nosso Lar". Tudo está plagado de absurdos e contradições. DOENTE MENTAL Por motivos de saúde houve que fazer o eletroencefalograma de Chico Xavier, fora do controle dos espiritistas quando finge que está "psicografando". Resultado esclarecedor: "Foco temporal classicamente responsável por distúrbios sensoriais, alucinações, ouvir vozes (...), arritmia, tendência a ataques epilépticos ou `transes " (Ver, entre outras publicações, Revista "Realidade", Novembro, 1971). Depoimento do pai, Sr. João Cândido. Confessou o próprio Chico Xavier com referência à sua "iniciação mediúnica" na infância, de sonâmbulo falante e ambulante: "Meu pai estava querendo internar-me em um sanatório para enfermos mentais (...) Devia ter suas razões: naquela época me visitavam (...) também entidades estranhas perturbadoras" (Em entrevista ao repórter Mauro Santayana, "Folha Ilustrada", São Paulo, 11-Julho-1982). Depoimento da madrinha, Da. Rita: "Dizia que eu era louco". Surravame "por ser doido (...) Dizia a todo mundo que o menino era doido varrido" (Em entrevista ao repórter Ramón García y García, "Fatos e Fotos", n. 1072). Por afirmação do próprio Chico. Afirmou inúmeras vezes que estava sempre sendo assistido e inspirado por "Emanuel". Continuamente, ininterruptamente, dia e noite..., que o via, ouvia e sentia como a qualquer pessoa viva ou a qualquer coisa ao redor. Especialmente por "Emanuel", como chefe, mas também mais de 500 outros "espíritos" subordinados. Sendo isto não só sem prova nenhuma senão também clarissimamente falso, como veremos, de duas uma: ou Chico Xavier não acreditava no que afirmava e seria um continuo mentiroso e continuo

133 farsante, ou acreditava nessa afirmação e então estava completamente fora da realidade, o que significaria que era absoluta e continuamente louco em alto grau. AS INCONGRUÊNCIAS Apresento algumas, entre milhares. Se Chico Xavier não era louco, a farsa seria gravíssima demais... Se Chico Xavier era um grande doente mental, não estranhariam as contínuas e enormes incongruências e que ele as atribuísse a "espíritos" superiores. A propaganda que dele fazem os líderes do espiritismo é que deveria estranhar, se não fosse conhecido o fanatismo e mesmo tortuosa intenção... No "Parnaso de Além Túmulo" Chico Xavier apresenta um soneto, no "estilo dos sonetos do exílio" como se fosse uma psicografia ditada pelo "espírito" de Dom Pedro II. Ora, o "espírito" de Dom Pedro II não sabia nem ninguém lhe comunicou no além, nem a ele nem a Chico, que os "sonetos do exílio" não eram de Dom Pedro senão de um nobre que o acompanhava? (Com toda razão Gustavo Barroso ridicularizava então a Chico Xavier num artigo em "O Cruzeiro"). "E no caso de Humberto de Campos é mais grave"... "porque ele capricha em obedecer ao Decreto do Governo Federal que instituiu a ortografia fonética, decreto baixado depois de seu trespasse" (Timponi, Miguel: "A Psicografia ante os Tribunais", 4ª ed., pág. 333). Chico Xavier fundou em Pedro Leopoldo o Centro Espírita São Luis Gonzaga, Rei da França. Isto é, os "espíritos superiores" que pretendidamente assessoram a Chico seriam tão ignorantes, que não sabem que São Luís Gonzaga, jesuíta, italiano, morto muito jovem no século XVI é completamente diferente de São Luís, Rei da França, das Cruzadas, morto velho no século XIII. VAIDADE DOENTIA Muitos ficam surpresos pelo fato concreto de o "humildíssimo" Chico usar peruca até terminar o implante de cabelos, e antes sempre boina. É típica a vaidade exacerbada como mecanismo doentio para compensar defeitos que poderiam levar ao complexo de inferioridade. Em Chico Xavier, homossexualidade, toda a vida doente, surtos ou continua psicose... Não insistirei nisto, só o mínimo para desmascarar em Chico o continuo fingimento de humildade. Bastem as palavras do grande psiquiatra Professor Dr. Silva Mello: "Dentro do espiritismo, do mediunismo, da psicografia há muito desejo oculto, muita necessidade de ser diferente e maior e melhor do que os outros, muita vaidade, muito amor próprio (...) bem disfarçado (...) E talvez em nenhum território humano apareça isso de maneira tão evidente como justamente no campo do espiritismo" ("Mistérios e Realidades deste e do Outro Mundo", pág. 277). NEM ADIVINHO, NEM INSPIRADO Nada teria de mais que Chico Xavier tivesse alguma adivinhação, do pensamento ou realidade, em relação com alguma pessoa viva, no presente ou num passado ou futuro não muito distantes. Como tantas outras pessoas têm, ou mesmo todas alguma vez. Mas Chico Xavier não tinha um mínimo que fosse de controle da adivinhação, nem estava, contra o que afirmava, inspirado continuamente, ininterruptamente, dia e noite, especialmente por "Emanuel" e mais outros 500 guias. Não teria sido enganado por Otília Diogo nas fraudulentas materializações na própria casa de Chico Xavier, em Uberaba, farsa grosseira e contínua na que tão entusiasticamente colaborou, até ser tudo desmascarado pela equipe de repórteres (Revista "O Cruzeiro", ampla série de reportagens 133

134 nos primeiros messes de 1964; e outras muitas reportagens posteriores, por exemplo ; e em outras revistas inclusive do estrangeiro, por exemplo, na revista "Creencias Populares", de Argentina, Março de 1975; e em jornais, por exemplo serie de quatro artigos em "A Gazeta" de Curitiba; etc.) Não teria confiado tão entusiasticamente, ao ponto de designá-lo para seu sucessor, em Amauri Xavier Pena, o sobrinho que o desmascarou. Não teria confiado nem deixado que seu "filho" adotivo, o dentista Eurípides Higino dos Reis, e a ex-mulher deste, Cristine Gertrude Shulz, desviassem dinheiro em grande quantidade durante anos, como denunciou o promotor de Investigações Criminais Dr. José Carlos Fernandes ("Veja" 14- fevereiro-01; "Contigo", 20-Fevereiro- 01; "O Estado de São Paulo", 31-Março-01; "Jornal do Brasil", 21- Setembro-01; etc., etc.) Entre outros muitos exemplos, não haveria obtido tão facilmente êxito o repórter Hamilton Ribeiro. A seu pedido, Chico Xavier "psicografou" uma mensagem do "espírito" da mãe do Sr. João Guignone, Presidente da Federação Espírita do Paraná. Acontece que foi artimanha do repórter, a senhora "comunicante" está viva em Curitiba. Continua o repórter Hamilton Ribeiro: "Agora vou ler a receita psicografada do pedido que fiz hoje em nome de Pedro Alcântara Rodrigues, Alameda Barão de Limeira, 1327, ap. 82, São Paulo (...) Na letra inconfundível da psicografia (de Chico Xavier), lá está: 'Junto dos amigos espirituais que lhe prestam auxílio, buscaremos cooperar espiritualmente em seu favor. Jesus nos abençoe'". "O que pensar disso? Nem a pessoa com aquele nome, nem mesmo esse endereço existem. Eu os inventei" (Revista "Realidade", Novembro 1971). 134 CONCLUSÃO GERAL Servimo-nos da recomendação aos espiritistas proferida pelo crítico literário João Dornas Filho que, como vimos, tanto invocavam deturpando-o: "Não devem lançar mão de fenômenos que não têm a transcendência que supõem, dados os veementes indícios de que interessam mais à psiquiatria (...) O fanatismo é o aniquilamento de todas as construções realistas (...) A psicografia (...), já está tomando ares dogmáticos que a boa razão absolutamente não aceita" ("Folha da Manhã", S.P., 19- Abril-1945). O espiritismo é uma doutrina pseudocientífica, cheia de contradições, erros e mentiras.

135 135 Tanto o hinduísmo, o islamismo, o budismo e o cristianismo dividem as pessoas, LIBERTE-SE!!! A CRENÇA Enquanto somos bem jovens, a maioria de nós talvez não seja grandemente afetada pelos conflitos da vida, pelas preocupações, pelas alegrias passageiras, pelos desastres físicos, pelo medo da morte e as distorções mentais que pesam sobre a geração mais velha. Felizmente, enquanto somos jovens, a maioria de nós ainda não se encontra no campo de batalha da vida. Mas, à medida que envelhecemos, os problemas, as angústias, as dúvidas, as lutas econômicas e interiores, tudo isso começa a acumular-se em nós, e então desejamos encontrar o sentido da vida,queremos saber o que ela significa. Ficamos perplexos com os conflitos, com as dores, com a pobreza, com os desastres. Queremos saber por que algumas pessoas estão bem colocadas e outras não; por que um ser humano tem saúde, é inteligente, bem-dotado, capaz, ao passo que outro não o é. E se somos pouco exigentes, ficamos logo presos a alguma hipótese, a alguma teoria ou crença; encontramos uma resposta, mas não é nunca a verdadeira resposta. Verificamos que a vida é feia, dolorosa, triste, e começamos a inquirir; mas não tendo suficiente confiança própria, vigor, inteligência, inocência, para continuar inquirindo, somos logo colhidos nas malhas de alguma teoria ou crença, especulação ou doutrina que explique satisfatoriamente tudo isso. Aos poucos nossas crenças e dogmas se tornam profundamente enraizados e inabaláveis, porque por trás deles está um constante medo do desconhecido. Nunca examinamos o medo; desviamo-nos dele e nos refugiamos em nossas crenças. - a hindu, a budista, a cristã - verificamos que elas dividem as pessoas. Cada conjunto de dogmas e crenças possui uma série de rituais, uma série de compulsões que amarram a mente e separam um homem do outro. KRISHNAMURTI

136 136 MAIS UM MENTIROSO NA HISTÓRIA MENTIROSA DA TERRA! ALLAN KARDEC Allan Kardec Maçom E mentiroso!!! (Só escreveu apenas os seus próprios delírios e ilusões esquizofrênicas e assim nasceu a mentira do espiritismo.) Paulo Roberto Martins O Jornal do Commercio em sua edição de 27/10/2002, traz uma reportagem sobre a modernização da legislação na Grande Loja de Pernambuco com uma entrevista do grão-mestre-adjunto, juiz trabalhista Milton Gouveia. Anexo a matéria publicada, foi colocado um quadro em que dava o nome de alguns maçons notáveis, sendo primeiro o de Allan Kardec dentre alguns outros. Ficamos bastante surpresos pois nunca tínhamos obtido tal informação em nenhum tipo de leitura anterior e pela convicção de que alguns elementos essenciais que constituem a confraria maçônica não fazem parte da doutrina espírita, como por exemplo: O espiritismo não tem estrutura hierárquica, não tem mestres, não tem templos suntuosos, não adota cerimônia de espécie alguma, não tem rituais, não usa vestes especiais, não tem qualquer simbologia, não utiliza ornamentações associadas a práticas exteriores, não tem gestos de reverência, não tem sinais cabalísticos, não tem dogmas indiscutíveis... Resolvemos então trilhar o bom e velho caminho das perguntas e pesquisas na solução da dúvida em questão, obtendo por resultado dois bons indicadores do fato histórico: 1 No livro História da magia, do ocultismo e das sociedades secretas tomo VII: No século de Allan Kardec, autores Danielle Hemmert e Alex Roudene temos o seguinte: Segundo alguns biógrafos, depois de alguns anos de preparatórios, Hippolyte Rivail teria deixado por algum tempo o castelo de Yverdon para estudar medicina na faculdade de Lyon. Vivia a França o período da restauração dos Bourbons, e então é agora em sua própria pátria, realista e católica, que ele se sentiria desambientado. No entanto não tarda em descobrir um

137 derivativo para a sua decepção e o seu aborrecimento! Essa cidade secreta de Lyon ofereceu em todos os tempos asilo às idéias liberais e as doutrinas heterodoxas. Martinismo e Franco-Maçonaria, Carbonarismo e São-Simonismo vicejam entre suas paredes. E Rivail, jovem médico, inicia-se no magnetismo animal, descoberto quarenta anos mais cedo por Mesmer. O sonambulismo apaixona-o igualmente. Decididamente Hippolyte está apanhado pelas ciências ocultas: Assim continuará toda a sua vida, e Allan Kardec encontra-se já em potência no jovem estudante de medicina. 2 Perguntamos ao Dr. José Castellani, reconhecida autoridade em assuntos de Maçonaria, obtendo como resposta à nossa consulta: Alguns biógrafos de Kardec dizem que ele foi membro da Grande Loja da França. A Grande Loja da França, há mais de 20 anos, diante de consulta minha, apenas respondeu que consta que foi iniciado ali, mas que não tem documentos comprobatórios. Portanto, historicamente, a dúvida continua. Entretanto, suas obras contêm, principalmente na parte inicial, introdutória, muitos termos do jargão maçônico e da doutrina maçônica. Concluímos então, diante das evidencias, que o jovem Hippolyte Rivail realmente fez sua iniciação na Franco-Maçonaria, entretanto, ao assumir o pseudônimo de Allan Kardec e assumir a tarefa de codificação da doutrina espírita, fez uma opção pelos diversos elementos básicos da nova revelação apresentados pelos espíritos superiores. Quando vemos espíritas que fazem parte da Maçonaria, lembramo-nos do exemplo clássico de sabedoria através do equilíbrio perfeito nas idéias e ações de Léon Denis, quando nos deixa este legado dizendo: O Espiritismo não dogmatiza. Não é nem uma seita, nem uma ortodoxia, mas uma filosofia viva, aberta a todos os espíritos livres, filosofia que evolve, que progride. Não impõe nada; propõe. O que propõe apoia em fatos de experiência e em provas morais. Não exclui qualquer outra crença, antes a todas abraça numa fórmula mais vasta, numa expressão mais elevada e extensa da verdade. P. Roberto M. 137 Sábias Palavras do Livro Talmud de Jmmanuel TJ 26:43 Tu, contudo, serás a pedra angular da loucura pela qual eu serei chamado de Jesus Cristo o redentor por um culto religioso enganoso. TJ 26:37. Assim como irás enlaçar as terras dos gregos num culto religioso maligno por causa de teus falsos ensinamentos, assim tu me chamarás o Ungido em sua língua. TJ 22:42 Jmmanuel disse à eles: Vós reconhecestes o significado, e vós também lestes nas escrituras: A pedra que os construtores lançaram fora se tornou a pedra angular. TJ 26:39 E será tua a culpa, devido a tua falta de entendimento, que sangue humano será derramado, por este nome, tanto que não poderá ser contido em todos os recipientes existentes. TJ 22:44 Meus ensinamentos verdadeiramente não são estranhos para vós e vós estais bem familiarizados com eles, pois eles já foram dados, passados, e feitos conhecer à vós pelos profetas. TJ 22:45 Mas vós desrespeitais, falsificais e os interpretais em benefício próprio, e também me chamais de mentiroso; por isso vós também chamais à deus de mentiroso, sob cuja determinação eu fui gerado por um de sua espécie e estou diante de vós como um profeta. TJ 32:44 Mas em duas vezes mil anos eles serão ensinados de novo, sem falsificações, quando os humanos se tornarem sensíveis e inteligentes, e uma nova era anunciar grandes revoltas.

138 TJ 36:30 Quando as pessoas são honestas e buscam, elas não terão nenhumas opiniões preconcebidas ou preconceitos. TJ 32:29 Os humanos não devem perder o seu caminho nas moitas da limitação, mas devem expandir as suas consciências e buscar e encontrar conhecimento, lógica, e verdade, e destes aprender sabedoria. TJ 32:15 Não há escuridão maior regendo dentro do ser humano do que a ignorância e a falta de sabedoria. TJ 35:45 Pois não existe inverdade que não será denunciada como uma mentira. Kontakt-Wahn CONTACT DELUSIONS A ILUSÃO DOS CONTATOS FIGU-BULLETIN Nr Jahrgang, Mai UFO-Kontakte oder sonstwie Kontakte mit Ausserirdischen, höheren Geistern sowie mit Toten usw. sind in der Neuzeit offenbar DER Renner. Die Welt wird richtiggehend überschwemmt von angeblichen Kontaktlern, Medien und Channelern, und ihrer sind gar viele, die sich damit einen grossen Namen gemacht haben, und zwar nicht zuletzt deswegen, weil ihre 'Heilsbotschaften' religiös-sektiererisch geprägt sind. UFO contacts or other types of contacts with extraterrestrials, higher spirits, dead personages and others have apparently become THE big attraction of the New Age. The world is virtually flooded with purported contactees, mediums and channelers, many of whom have become celebrities through these activities, if for no other reason than their religious-sectarian messages of "salvation". Os contatos ufológicos ou outros tipos de contatos com extraterrestres, espíritos elevados, personagens mortos e outros, aparentemente se tornou um grande atração da chamada Nova Era. O mundo está sendo virtualmente inundado pelos supostos contatados, médiuns e canalizadores, muitos dos quais se tornaram em celebridades por tais atividades, e por nenhuma outra razão do que as suas mensagens religioso-sectárias de "salvação." Bei vielen dieser angeblichen Kontaktler, Medien und Channeler herrscht eine Endzeitstimmung, eine Weltuntergangsstimmung vor, womit sie jenen Menschen Angst einjagen und sie finanziell ausnehmen, welche ihnen den Unsinn abkaufen. Und von diesen angeblichen Kontaktlern, Medien und Channelern gibt es immer mehr, nur dass nicht alle grosse Namen tragen und bekannt sind. Doch alle sind sie gleichermassen 'krank im Kopf', einfach Psychopathen oder Psychogenkranke sowie Schizophrene usw. Oder aber bewusste Betrüger, Lügner, Schwindler oder Scharlatane, die sich aus Image-, Profit- oder sektiererischen Glaubensgründen in den Vordergrund spielen wollen. Among the many purported contactees, mediums and channelers there exists a mood of "finalization" or the "End is Nigh" atmosphere, whereby they put fear into other people who believe their nonsense and then they financially exploit them. These purported contactees, mediums and channelers are becoming increasingly more numerous, although not all of them are famous or well known. But they are all equally "sick in the head" for they are simply psychopaths, individuals suffering from psychogenic disorders, schizophrenics, etc; they may also be deliberate frauds, liars, hoaxers or charlatans who wish to project themselves into the forefront for reasons of their own image, profit or sectarian faith. Entre os muitos supostos contatados, médiuns e canalizadores existe um clima de "finalização" ou o "Fim esta Próximo", por meio do qual põem medo nas pessoas que acreditam em suas tolices e então eles os exploram financeiramente. Estes supostos contatados, médiuns e canalizadores estão crescentemente ficando mais numerosos, embora nem todos eles sejam famosos ou seja bem 138

139 conhecidos. Mas todos eles são igualmente "doentes mentais" pois eles simplesmente são psicopatas, indivíduos que sofrem de desordens psicóticas, esquizofrenia, etc.; e eles podem também se fraudes propositadas, mentirosos, enganadores, ou charlatões que desejam se projetar na mídia, por motivos de sua própria imagem, pelo lucro ou por sua fé sectária. Und von vielen dieser grossen und kleinen angeblichen Kontaktler, Medien und Channeler usw. kann ich ein grosses und unrühmliches Lied singen, denn sie können es nicht unterlassen, mich mit ihrem Unsinn zu belästigen, und zwar sowohl telephonisch als auch schriftlich und per Fax. Auch mündlich kommt das hie und da vor. Das geht nun schon seit Jahren so, seit 1975, seit ich hinsichtlich der Kontakte mit den Plejadiern/Plejaren an die Öffentlichkeit getreten bin. Seit damals werde ich dauernd und immer wieder von Menschen mit ihrem Kontaktler-, Medien- und Channelerwahn beharkt, und zwar bis an die achtzig und neunzig Mal pro Jahr, wobei viele unter ihnen sind, die recht massiv und bösartig werden, wenn man ihnen ihren Unsinn auszureden versucht. Und von vielen dieser grossen und kleinen angeblichen Kontaktler, Medien und Channeler usw. kann ich ein grosses und unrühmliches Lied singen, denn sie können es nicht unterlassen, mich mit ihrem Unsinn zu belästigen, und zwar sowohl telephonisch als auch schriftlich und per Fax. Auch mündlich kommt das hie und da vor. Das geht nun schon seit Jahren so, seit 1975, seit ich hinsichtlich der Kontakte mit den Plejadiern/Plejaren an die Öffentlichkeit getreten bin. Seit damals werde ich dauernd und immer wieder von Menschen mit ihrem Kontaktler-, Medien- und Channelerwahn beharkt, und zwar bis an die achtzig und neunzig Mal pro Jahr, wobei viele unter ihnen sind, die recht massiv und bösartig werden, wenn man ihnen ihren Unsinn auszureden versucht. I could sing a loud and inglorious song about many of these well-known or obscure alleged contactees, mediums, channelers and others because they continue to insist on pestering me with their nonsense by telephone, mail and FAXes; indeed, they even come to see me in person. This has been going on now for many years, since 1975, when I made my contacts with the Pleiadians/ Plejarans public knowledge. From that time onward I have constantly and repeatedly been beleaguered by people and their contactee-medium-channeler delusions. This happens eighty to ninety times a year, and many of them have become quite aggressive and vicious when anyone attempts to talk them out of their nonsense. Usually most of them calm down after a short period and withdraw, offended, while others become even more impertinent and insistent. Some of them even had the nerve to subscribe religious-sectarian pamphlets, newspapers and other items on my behalf which, in two cases, I was able to trace to individuals tortured by sectarian delusions. Eu poderia cantar em alto tom uma inglória canção a respeito de muitos destes supostos contatados, sejam esses famosos ou obscuros, médiuns, canalizadores e outros porque eles continuam teimando em me importunar com a suas idiotices por telefone, por correio e por Fax; e na verdade, eles vem me ver pessoalmente. Isto tem acontecido por muitos anos e, desde 1975, quando eu expus os meus contatos com os Plejaren ao conhecimento público. Deste tempo em diante eu tenho, constantemente e repetidamente, sido assediado por pessoas e por suas ilusões de contatadosmédiuns-canalizadores. Isso ocorre de oitenta a noventa vezes por ano, e muitos deles ficam bastante agressivos e irados quando qualquer um deles tenta discutir as suas idiotices. Normalmente a maioria deles se tranquilizam depois de um curto período e se retiram, ofendidos, enquanto outros ficam até mesmo mais impertinentes e insistentes. Alguns deles tiveram a coragem até mesmo de escreverem panfletos religioso-sectários, jornais e outros artigos em meu nome que, em dois casos, eu pude localizar os responsáveis e que eram indivíduos torturados por ilusões sectárias. Als wirklich einzige Kontaktperson mit den Plejadiern traten in den letzten zwanzig Jahren nicht weniger als 71 Personen an mich heran, schriftlich, persönlich, telephonisch und per Fax, die behaupteten, dass sie ebenfalls Kontakte zu den Plejadiern hätten, und zwar sowohl zu Semjase und Quetzal als auch zu Ptaah oder zu irgendwelchen plejadischen Phantasiegestalten. Ein Unsinn sondergleichen, denn diese Behauptungen wurden allesamt von den Plejadiern/Plejaren vehement dementiert. Sogar ein amerikanischer Dollarmillionär war unter diesen Lügnern, anderweitig aber 139

140 auch eine amerikanische Filmschauspielerin, gewisse Doktoren und Ingenieure, ein Pfarrer und viele andere mehr. Unter den 71 Lügnern fanden sich mehr als dreissig, welche behaupteten, dass sie mir im Auftrage Ptaahs, Quetzals oder Semjases oder von Sonstigen äusserst wichtige Botschaften zu überbringen hätten, sozusagen als Mittler zwischen meinen Freunden, den Plejadiern/Plejaren, und mir. Como sendo o único e verdadeiro contatado dos Plejaren, eu fui procurado por nada menos que setenta e um indivíduos por escrito, por telefone e por Fax durante os últimos vinte anos que rebatem afirmando que eles também, estavam tendo contatos com o Plejaren, ou seja com Semjase, Quetzal, Ptaah e alguns personagens Pleiadianos fantasia. Tais reivindicações são uma pura idiotice sem igual, pois os Plejaren negam veementemente estas afirmações. Entre estes mentirosos estava um milionário americano, uma atriz de filme americana, certos doutores, engenheiros, padres e muitos outros. Mais de 30 destes 71 indivíduos afirmavam que eles foram designados por Ptaah, Quetzal, Semjase, ou um outro qualquer, para passar mensagens extremamente importantes a mim, como corroborações, digamos assim, entre os meus amigos Plejaren e eu. As the only true contactee of the Pleiadians, I have been approached by no less than seventy-one individuals in writing, by phone and FAX over the past twenty years, who contend that they, too, were having contacts with the Pleiadians, namely with Semjase, Quetzal, Ptaah and some Pleiadian fantasy personages. Such claims are pure, unparalleled nonsense, for the Pleiadians/Plejarans have vehemently denied these assertions. Among these liars was an American millionaire, an American movie actress, certain doctors, engineers, a priest and many others. More than 30 of these 71 individuals claimed they were designated by Ptaah, Quetzal, Semjase, or somebody else, to pass on extremely important messages to me, as liaisons, so to speak, between my Pleiadian/Plejaran friends and myself. An die 11 Personen logen gar daher, dass sie nicht nur mit Ptaah in telepathischer oder gar physischer Verbindung stünden, sondern auch mit dem Hohen Rat sowie mit der Petale-Ebene und der Arahat Athersata- Ebene, von denen sie mir ebenfalls äusserst wichtige Botschaften zu übermitteln hätten usw. Und die Kette dieser angeblichen Kontaktler, Medien und Channeler reisst nicht ab, ganz im Gegenteil; die nahe Jahrtausendwende scheint sie wie giftige Pilze aus dem Boden spriessen zu lassen. Eine Jahrtausendwende nämlich, wie auch eine Jahrhundertwende, ist für Religiös-Sektiererische immer ein Grund zur Angst und Weltuntergangsstimmung, folglich sie besonders aktiv und lästig sowie menschenverdummend werden, wie dies auch der Fall ist mit neuen Sekten, denen die Menschen scharenweise verfallen. Eleven individuals downright lied and said they were in telepathic, indeed physical, contact not only with Ptaah, but with the High Council, the Petale level and the Arahat Athersata level which, allegedly, also instructed them to give me extremely important messages, etc. The chain of alleged contactees, mediums and channelers is endless; in fact, the approaching turn of the millennium appears to make them pop out of the ground like poisonous mushrooms. Likewise, the turn from one millennium to another, much like the turn of one century to another, is always reason for religious sectarians to be in a fearful and end-of-theworld mood and, consequently, they are particularly active, pesty and stultifying toward their fellow human beings. This applies to new sects as well, to which people fall prey in masses. Onze indivíduos mentido descaradamente, disseram que eles tinham contato telepático, e "realmente físico", não somente com Ptaah, mas supostamente com o Plano do Alto Conselho, os planos de Petale e Arahat Athersata, que supostamente também os instruíram para que me dessem mensagens extremamente importantes, etc. A grande cadeia de supostos contatados, médiuns e canalizadores é infinita; e na realidade, a proximidade com o fim do milênio parece que os fazem pipocar pela terra como se fossem cogumelos venenosos. Do mesmo modo, a virada de um milênio para outro, bem como a virada de um século para outro, sempre é razão para que os sectários e os religiosos ficarem em uma medrosa mania de fim-de-mundo e, consequentemente, se tornam 140

141 particularmente ativos, pestilentos e idiotizando os seres humanos de sua mesma categoria. Isto se aplica também as novas seitas das quais as pessoas caem como presas em grandes massas. Billy Meier 141 ALGUNS MENTIROSOS QUE SE DIZEM CONTATADOS ou canalizadores Não acreditem nunca em canalização!!! URANDIR FERNANDES PROJETO PORTAL É UMA FARSA!!! FALSO CONTATADO, NÃO ACREDITEM NESSA PESSOA! Picareta e mentiroso! Paulista é preso por vender terrenos em cidade para ETs URANDIR é preso por vender terrenos em cidade para ETs Segunda, 27 de março de 2000, 10h50min O paulista Urandir Fernandes de Oliveira, conhecido como UFO, será indiciado por estelionato e falsidade ideológica. Ele foi preso neste domingo em Porto Alegre, acusado da venda ilegal de terrenos na cidade de Corguinho, em Mato Grosso do Sul, onde tinha planos de erguer uma cidade para receber extraterrestes. Urandir está preso em uma cela da 17º delegacia de Polícia Civil da capital gaúcha. Três horas e meia depois de ter sido preso pela polícia, Oliveira conversou com o jornal Zero Hora no gabinete do delegado Jorge Mafra, da 17ª DP. Confirmou a venda dos terrenos na Cidade dos ETs, e garante que o projeto é sério e que vem agindo de forma legal. Confira os principais trechos da entrevista: Zero Hora O senhor admite as acusações? Urandir Fernandes de Oliveira Não estou preocupado com isso. Tudo o que estou fazendo é legal. Não prometo cura para ninguém, apenas ensino autoajuda e manipulação da mente. ZH O que é o Projeto Portal? Oliveira Um lugar onde as pessoas têm experiências parapsicológicas, ecológicas e ufológicas. São 490 hectares, e a minha intenção é comprar 1,5 mil para formar uma comunidade onde vou criar gado e peixes. Os associados pagaram R$ 1,4 mil por isso. Represento o projeto, sou o presidente. ZH Só quem paga pode fazer parte do projeto?

A BELA HISTORIA DE JESUS DE NAZARÉ

A BELA HISTORIA DE JESUS DE NAZARÉ A BELA HISTORIA DE JESUS DE NAZARÉ O BATISMO DO SENHOR JESUS CRISTO E O COMEÇO DE SEU MINIST ÉRIO Volume 03 Escola: Nome : Professor (a): Data : / / 5) VAMOS BRINCAR DE FORCA? Marque com um x na letra

Leia mais

Introdução ao Evangelho

Introdução ao Evangelho CENTRO ESPÍRITA ISMAEL DEPARTAMENTO DE ENSINO DOUTRINÁRIO CURSO DE INTRODUÇÃO AO EVANGELHO AULA 7 JOÃO BATISTA O PRECURSOR JESUS, O MESSIAS AULA DE HOJE QUESTIONÁRIO SOBRE AS PARÁBOLAS ESTUDADAS JOÃO BATISTA,

Leia mais

O POVO DE DEUS NO TEMPO DOS JUÍZES

O POVO DE DEUS NO TEMPO DOS JUÍZES O POVO DE DEUS NO TEMPO DOS JUÍZES O POVO DE DEUS NO TEMPO DOS JUÍZES DEPOIS DE JOSUÉ E os filhos de Israel fizeram o que era mau aos olhos do SENHOR, e se esqueceram do SENHOR seu Deus; e serviram aos

Leia mais

EVANGELHO DE JOÃO, Cap. 3. Evangelho de João Cap. 3. 1 Havia, entre os fariseus, um homem chamado Nicodemos, um dos principais dos judeus.

EVANGELHO DE JOÃO, Cap. 3. Evangelho de João Cap. 3. 1 Havia, entre os fariseus, um homem chamado Nicodemos, um dos principais dos judeus. EVANGELHO DE JOÃO, Cap. 3 LEMBRETE IMPORTANTE: As palavras da bíblia, são somente as frases em preto Alguns comentários explicativos são colocados entre os versículos, em vermelho. Mas é apenas com o intuito

Leia mais

Magos e Pastores encontram Jesus

Magos e Pastores encontram Jesus Mateus 2: 1-12 Tendo Jesus nascido em Belém da Judéia, em dias do rei Herodes, eis que vieram uns magos do Oriente a Jerusalém. E perguntavam: Onde está o recém-nascido Rei dos judeus? Porque vimos a sua

Leia mais

A Palavra de Deus. - É na Palavra de Deus que o homem encontra o conhecimento a respeito da Vida, de onde viemos e onde vamos viver a eternidade.

A Palavra de Deus. - É na Palavra de Deus que o homem encontra o conhecimento a respeito da Vida, de onde viemos e onde vamos viver a eternidade. A Palavra de Deus 2 Timóteo 3:16-17 Pois toda a Escritura Sagrada é inspirada por Deus e é útil para ensinar a verdade, condenar o erro, corrigir as faltas e ensinar a maneira certa de viver. 17 E isso

Leia mais

Roteiro 3 João Batista, o precursor

Roteiro 3 João Batista, o precursor FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Livro 1 Cristianismo e Espiritismo Módulo II O Cristianismo Roteiro 3 João Batista, o precursor Objetivo Identificar a missão de João

Leia mais

A BELA HISTORIA DE JESUS DE NAZARÉ

A BELA HISTORIA DE JESUS DE NAZARÉ A BELA HISTORIA DE JESUS DE NAZARÉ JESUS E TENTADO NO DESERTO Volume 4 Escola: Nome : Professor (a): Data : / / 11 7) PERGUNTAS: 1. Depois de ser batizado, onde Jesus foi guiado pelo espírito? 2. Quem

Leia mais

O PAI É MAIOR DO QUE O FILHO

O PAI É MAIOR DO QUE O FILHO O PAI É MAIOR DO QUE O FILHO O PAI É MAIOR DO QUE O FILHO Vós ouviste o que vos disse: Vou e retorno a vós. Se me amásseis, ficaríeis alegres por eu ir para o Pai, porque o Pai é maior do que eu. João

Leia mais

LIVRO INFANTIL PARA COLORIR

LIVRO INFANTIL PARA COLORIR LIVRO INFANTIL PARA COLORIR Este livro foi formulado de tal maneira que os pais podem interagir e ensinar seus filhos a Palavra de Deus. Colorindo uma página por dia, e preenchendo as frases que acompanham

Leia mais

O NASCIMENTO DE JESUS

O NASCIMENTO DE JESUS Bíblia para crianças apresenta O NASCIMENTO DE JESUS Escrito por: Edward Hughes Ilustradopor:M. Maillot Adaptado por: E. Frischbutter; Sarah S. O texto bíblico desta história é extraído ou adaptado da

Leia mais

9.9 Jesus Cristo é homem perfeito

9.9 Jesus Cristo é homem perfeito 9.9 Jesus Cristo é homem perfeito Aula 48 Assim como é importante verificarmos na Palavra de Deus e crermos que Jesus Cristo é Deus, também é importante verificarmos e crermos na humanidade de Jesus após

Leia mais

Estudo 17 Testemunhar a Cristo: um desafio diário. Em Marcha, 2015.1 IGREJA METODISTA ASA NORTE 406

Estudo 17 Testemunhar a Cristo: um desafio diário. Em Marcha, 2015.1 IGREJA METODISTA ASA NORTE 406 Estudo 17 Testemunhar a Cristo: um desafio diário Em Marcha, 2015.1 IGREJA METODISTA ASA NORTE 406 Roteiro 1- Introdução 2- Fundamento Bíblico 3- Conclusão 1. Introdução Voce entende por que é importante

Leia mais

O Baptismo Bíblico (Mateus 3:13-17)

O Baptismo Bíblico (Mateus 3:13-17) O Baptismo Bíblico (Mateus 3:13-17) Tivemos esta manhã a alegria de testemunhar vários baptismos bíblicos. Existem outras coisas e outras cerimónias às quais se dá o nome de baptismo. Existe até uma seita,

Leia mais

#62. O batismo do Espírito Santo (continuação)

#62. O batismo do Espírito Santo (continuação) O batismo do Espírito Santo (continuação) #62 Estamos falando sobre alguns dons do Espírito Santo; falamos de suas obras, dos seus atributos, como opera o novo nascimento e, por último, estamos falando

Leia mais

"A morte e a vida estão no poder da língua; o que bem a utiliza come do seu fruto".

A morte e a vida estão no poder da língua; o que bem a utiliza come do seu fruto. Disciples of Christ Church Ministerio vida com vida Pr Joaquim Costa Junior 1 "A morte e a vida estão no poder da língua; o que bem a utiliza come do seu fruto". Proverbios 18:21 Introdução: Quando falamos

Leia mais

Naquela ocasião Jesus disse: "Eu te louvo, Pai, Senhor dos céus e da terra, porque escondeste estas coisas dos sábios e cultos, e as revelaste aos

Naquela ocasião Jesus disse: Eu te louvo, Pai, Senhor dos céus e da terra, porque escondeste estas coisas dos sábios e cultos, e as revelaste aos As coisas encobertas pertencem ao Senhor, ao nosso Deus, mas as reveladas pertencem a nós e aos nossos filhos para sempre, para que sigamos todas as palavras desta lei. Deuteronômio 29.29 Naquela ocasião

Leia mais

FAÇA CÓPIAS E REPARTA AS LEITURAS ENTRE OS PRESENTES PARA UMA MAIOR PARTICIPAÇÃO.

FAÇA CÓPIAS E REPARTA AS LEITURAS ENTRE OS PRESENTES PARA UMA MAIOR PARTICIPAÇÃO. FAÇA CÓPIAS E REPARTA AS LEITURAS ENTRE OS PRESENTES PARA UMA MAIOR PARTICIPAÇÃO. 1. Ó VINDE ADORAR (HCC 1) Para isto nos reunimos aqui. Oh, vinde adorar o excelso e bom Deus, Senhor soberano da terra

Leia mais

A Diferença entre DEUS e seu FILHO

A Diferença entre DEUS e seu FILHO A Diferença entre DEUS e seu FILHO João 4.22 Vós adorais o que não sabeis; nós adoramos o que sabemos porque a salvação vem dos judeus. Mateus 15.9 Mas, em vão me adoram, ensinando doutrinas que são preceitos

Leia mais

Obs.: José recebeu em sonho a visita de um anjo que lhe disse que seu filho deveria se chamar Jesus.

Obs.: José recebeu em sonho a visita de um anjo que lhe disse que seu filho deveria se chamar Jesus. Anexo 2 Primeiro momento: contar a vida de Jesus até os 12 anos de idade. Utilizamos os tópicos abaixo. As palavras em negrito, perguntamos se eles sabiam o que significava. Tópicos: 1 - Maria e José moravam

Leia mais

segunda-feira, 20 de agosto de 12

segunda-feira, 20 de agosto de 12 o perigo: abordagens contemporâneas (remakes) Sempre e sempre, de novo, a figura de Jesus tem sido terrivelmente amputada a fim de adaptar-se ao gosto de cada geração. Durante toda a história da igreja

Leia mais

Porque Deus mandou construir o tabernáculo?

Porque Deus mandou construir o tabernáculo? Aula 39 Área da Adoração Êxodo 19:5~6 Qual o significado de: vós me sereis reino sacerdotal? Significa que toda a nação, não parte, me sereis reino sacerdotal, povo santo, nação santa. Israel era uma nação

Leia mais

O REINO (ISRAEL) É DIVIDIDO Lição 61. 1. Objetivos: Ensinar que enquanto estamos seguindo a Deus, Ele cuida de nós.

O REINO (ISRAEL) É DIVIDIDO Lição 61. 1. Objetivos: Ensinar que enquanto estamos seguindo a Deus, Ele cuida de nós. O REINO (ISRAEL) É DIVIDIDO Lição 61 1 1. Objetivos: Ensinar que enquanto estamos seguindo a Deus, Ele cuida de nós. 2. Lição Bíblica: 1 Reis 11 a 14 (Base bíblica para a história o professor) Versículo

Leia mais

A NUVEM. O Sétimo Anjo

A NUVEM. O Sétimo Anjo A NUVEM O Sétimo Anjo PARADO NA BRECHA 1963 - Jeffersonville - Indiana - E.U.A. - Tradução: GO 82 E agora, eu não sabia naquela época, que eles estavam tirando fotos daquilo, os cientistas que estavam

Leia mais

BATISMO HISTÓRIA E SIGNIFICADO

BATISMO HISTÓRIA E SIGNIFICADO BATISMO HISTÓRIA E SIGNIFICADO 1 INTRODUÇÃO Jesus mandou seus discípulos: Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; ensinando-os a

Leia mais

Evangelhos. www.paroquiadecascais.org

Evangelhos. www.paroquiadecascais.org Evangelhos 1. Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Mateus (Mt 5, 1-12a) ao ver a multidão, Jesus subiu ao monte e sentou-se. Rodearam-n O os discípulos e Ele começou a ensiná-los, dizendo:

Leia mais

A Unidade de Deus. Jesus Cristo é o Único Deus. Pai Filho Espírito Santo. Quem é Jesus? Como os Apóstolos creram e ensinaram? O que a Bíblia diz?

A Unidade de Deus. Jesus Cristo é o Único Deus. Pai Filho Espírito Santo. Quem é Jesus? Como os Apóstolos creram e ensinaram? O que a Bíblia diz? A Unidade de Deus Quem é Jesus? Como os Apóstolos creram e ensinaram? O que a Bíblia diz? Vejamos a seguir alguns tópicos: Jesus Cristo é o Único Deus Pai Filho Espírito Santo ILUSTRAÇÃO Pai, Filho e Espírito

Leia mais

Naquele mesmo dia, dois deles estavam indo para um povoado chamado Emaús, a onze quilômetros de Jerusalém.

Naquele mesmo dia, dois deles estavam indo para um povoado chamado Emaús, a onze quilômetros de Jerusalém. 13 Naquele mesmo dia, dois deles estavam indo para um povoado chamado Emaús, a onze quilômetros de Jerusalém. O episódio relatado por Lucas aconteceu no dia da ressurreição, durante e após uma caminhada

Leia mais

Natal Foi assim que Deus se fez homem

Natal Foi assim que Deus se fez homem Natal Foi assim que Deus se fez homem Isabel estava grávida de seis meses. Então Deus mandou o anjo Gabriel a Nazaré, uma localidade da Galileia, a uma virgem, Maria, prometida em casamento a um homem

Leia mais

O Antigo Testamento tem como seus primeiros livros a TORÀ, ou Livro das leis. É um conjunto de 5 livros.

O Antigo Testamento tem como seus primeiros livros a TORÀ, ou Livro das leis. É um conjunto de 5 livros. O Antigo Testamento tem como seus primeiros livros a TORÀ, ou Livro das leis. É um conjunto de 5 livros. A Torá é o texto mais importante para o Judaísmo. Nele se encontram os Mandamentos, dados diretamente

Leia mais

Introdução ao Evangelho

Introdução ao Evangelho Existe batismo no Espiritismo? A palavra batismo significa, no grego, mergulho, mergulhar. Para o espírita o batismo não tem significado algum. "Fica, pois, prevalecendo o batismo do Espírito Santo e com

Leia mais

O PLANO CONTRA LÁZARO

O PLANO CONTRA LÁZARO João 12 Nesta Lição Estudará... Jesus em Betânia O Plano Contra Lázaro Jesus Entra em Jerusalém Alguns Gregos Vão Ver Jesus Anuncia a Sua Morte Os Judeus Não Crêem As Palavras de Jesus Como Juiz JESUS

Leia mais

Deus Toma as Dores dos que são Fiéis

Deus Toma as Dores dos que são Fiéis Deus Toma as Dores dos que são Fiéis Ef 6.12,13 Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século,

Leia mais

Chamados Para a Comunhão de Seu Filho (Mensagem entregue pelo irmão Stephen Kaung em Richmound- Virginia-USA no dia 11 de fevereiro de 2007)

Chamados Para a Comunhão de Seu Filho (Mensagem entregue pelo irmão Stephen Kaung em Richmound- Virginia-USA no dia 11 de fevereiro de 2007) Chamados Para a Comunhão de Seu Filho (Mensagem entregue pelo irmão Stephen Kaung em Richmound- Virginia-USA no dia 11 de fevereiro de 2007) Por favor, poderiam abrir em primeira aos Coríntios, a primeira

Leia mais

#68. 10.21 Introdução à Escatologia

#68. 10.21 Introdução à Escatologia 10.21 Introdução à Escatologia #68 Daqui para frente, estamos entrando na parte escatológica da Bíblia. O que é escatologia? É o estudo das últimas coisas. Vivemos a época da Igreja, a qual terminará com

Leia mais

Disciples of Christ Church Ministerio vida com vida Israel Costa 1

Disciples of Christ Church Ministerio vida com vida Israel Costa 1 Disciples of Christ Church Ministerio vida com vida Israel Costa 1 Refletindo Sua glória, em meio a ventos contrários. Entretanto, o barco já estava longe, a muitos estádios da terra, açoitado pelas ondas;

Leia mais

GANHADO O MUNDO SEM PERDER A FAMILIA

GANHADO O MUNDO SEM PERDER A FAMILIA TEXTO: 1 SAMUEL CAPITULO 3 HOJE NÃO É SOBRE SAMUEL QUE VAMOS CONHECER, SABEMOS QUE SAMUEL foi o último dos juízes e o primeiro dos profetas. Ele foi comissionado para ungir asaul, o primeiro rei, e a David,

Leia mais

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Mateus (Mt 1, 18-24)

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Mateus (Mt 1, 18-24) 4º DOMINGO DO ADVENTO (ANO A) 22 de Dezembro de 2013 Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Mateus (Mt 1, 18-24) 18 Ora, o nascimento de Jesus Cristo foi assim: Maria, sua mãe, estava desposada

Leia mais

#61. 10.14 O batismo do Espírito Santo

#61. 10.14 O batismo do Espírito Santo 10.14 O batismo do Espírito Santo #61 Estudamos o novo nascimento e vimos como o Espírito Santo realiza essa obra juntamente com a Palavra de Deus. Tínhamos que entender o novo nascimento e como alguém

Leia mais

UM ABENÇOADO E FELIZ VERDADEIRO NATAL!

UM ABENÇOADO E FELIZ VERDADEIRO NATAL! Ano XXIV - Nº 920 Fortaleza, 23 de Dezembro de 2012 UM ABENÇOADO E FELIZ VERDADEIRO NATAL! Embora figuras assim sejam usadas para representar o natal, há nelas um grave erro histórico-bíblico. Você pode

Leia mais

OLÁ! CARO AMIGO/ EU SOU PAULO CHAVEIRO E ESTE É O PROGRAMA O SOM DO LIVRO QUE TRÁS ATÉ SI O LIVRO MAIS LIDO EM TODO O

OLÁ! CARO AMIGO/ EU SOU PAULO CHAVEIRO E ESTE É O PROGRAMA O SOM DO LIVRO QUE TRÁS ATÉ SI O LIVRO MAIS LIDO EM TODO O REFERÊNCIA: Josué 10:15-11-23 Data de Gravação: 26.05.04 hora 13.31h PRODUTOR: Paulo Chaveiro Locução: Paulo Chaveiro OLÁ! CARO AMIGO/ EU SOU PAULO CHAVEIRO E ESTE É O PROGRAMA O SOM DO LIVRO QUE TRÁS

Leia mais

Jesus, o Filho de Deus

Jesus, o Filho de Deus JESUS, O FILHO DE DEUS 43 4 Jesus, o Filho de Deus No coração do cristianismo reside a verdade de que Jesus o Cristo é o Filho de Deus. Cristo é o centro da nossa religião. Ele é a fundação da nossa fé

Leia mais

Jesus revela-nos que Deus é. Pai. Conselho Inter-paroquial de Catequese Esporões, 24 de Janeiro de 2008

Jesus revela-nos que Deus é. Pai. Conselho Inter-paroquial de Catequese Esporões, 24 de Janeiro de 2008 Jesus revela-nos que Deus é Pai Conselho Inter-paroquial de Catequese Esporões, 24 de Janeiro de 2008 Quem inventou Deus? Desde sempre que os homens acreditaram na existência de forças muito poderosas

Leia mais

TEMPOS DE SOLIDÃO. Jó 23:8-11

TEMPOS DE SOLIDÃO. Jó 23:8-11 TEMPOS DE SOLIDÃO Jó 23:8-11 Na semana passada, eu falei muito sobre maldições, punições e castigos que Deus envia aos desobedientes e rebeldes. Falei sobre a disciplina Divina, cuja finalidade é o verdadeiro

Leia mais

Você se lembra das três palavras abordadas na lição anterior: Revelação, inspiração e iluminação?

Você se lembra das três palavras abordadas na lição anterior: Revelação, inspiração e iluminação? A BÍBLIA Parte 2 Objetivo para mudança de vida: Dar ao estudante um senso profundo e duradouro de confiança em sua capacidade de entender a Bíblia. Capacidade esta que lhe foi dada por Deus. Você se lembra

Leia mais

ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL

ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL ESTUDO 4 Palavra Viva RELEMBRANDO SANTIFICAÇÃO Nossos três grandes inimigos: O MUNDO A CARNE O D IABO 'Porque a carne milita contra o Espírito, e o Espírito, contra a carne, porque

Leia mais

FEB EADE - Livro III - Módulo II Roteiro 2 A autoridade de Jesus

FEB EADE - Livro III - Módulo II Roteiro 2 A autoridade de Jesus OBJETIVOS 1) Analisar em que se resume a autoridade do Cristo. 2) Esclarecer como o Espiritismo explica essa autoridade. IDEIAS PRINCIPAIS 1) Sob a autoridade moral do Cristo, somos guiados na busca pela

Leia mais

Mensagem: Fé provada. Por David Keeling.

Mensagem: Fé provada. Por David Keeling. Mensagem: Fé provada. Por David Keeling. Então disse Jesus aos seus discípulos: Se alguém quiser vir após mim, renunciese a si mesmo, tome sobre si a sua cruz, e siga-me; Porque aquele que quiser salvar

Leia mais

A FAMILIA DE DEUS TEM UM NOME

A FAMILIA DE DEUS TEM UM NOME A FAMILIA DE DEUS TEM UM NOME Toda família tem um nome, este nome é o identificador de que família pertence esta pessoa, o qual nos aqui no Brasil chamamos de Sobrenome. Então este nome além de identificar

Leia mais

JESUS É A LUZ DO MUNDO João 8.12 Pr. Vlademir Silveira IBME 24/03/13

JESUS É A LUZ DO MUNDO João 8.12 Pr. Vlademir Silveira IBME 24/03/13 JESUS É A LUZ DO MUNDO João 8.12 Pr. Vlademir Silveira IBME 24/03/13 INTRODUÇÃO O Evangelho de João registra 7 afirmações notáveis de Jesus Cristo. Todas começam com Eu sou. Jesus disse: Eu sou o pão vivo

Leia mais

POR AMOR AOS ESCOLHIDOS. William Soto Santiago Domingo, 12 de Junho de 2016 Venezuela. Solicite Literaturas Gratuitamente:

POR AMOR AOS ESCOLHIDOS. William Soto Santiago Domingo, 12 de Junho de 2016 Venezuela. Solicite Literaturas Gratuitamente: 20 POR AMOR AOS ESCOLHIDOS Solicite Literaturas Gratuitamente: William Soto Santiago Domingo, 12 de Junho de 2016 Venezuela CENTRO DE DIVULGAÇÃO DO EVANGELHO DO REINO cder@mgconecta.com.br centroder@hotmail.com

Leia mais

QUEM É JESUS. Paschoal Piragine Jr 1 31/08/2015

QUEM É JESUS. Paschoal Piragine Jr 1 31/08/2015 1 QUEM É JESUS Jo 1 26 Respondeu João: Eu batizo com água, mas entre vocês está alguém que vocês não conhecem. 27 Ele é aquele que vem depois de mim, e não sou digno de desamarrar as correias de suas sandálias

Leia mais

18 Estudos Bíblicos para Evangelismo e Discipulado

18 Estudos Bíblicos para Evangelismo e Discipulado LIÇÃO 1 - EXISTE UM SÓ DEUS 18 Estudos Bíblicos para Evangelismo e Discipulado A Bíblia diz que existe um único Deus. Tiago 2:19, Ef. 4 1- O Deus que Criou Todas as coisas, e que conduz a sua criação e

Leia mais

LC 19_1-10 OS ENCONTROS DE JESUS ZAQUEU O HOMEM QUE QUERIA VER JESUS

LC 19_1-10 OS ENCONTROS DE JESUS ZAQUEU O HOMEM QUE QUERIA VER JESUS 1 LC 19_1-10 OS ENCONTROS DE JESUS ZAQUEU O HOMEM QUE QUERIA VER JESUS Lc 19 1 Jesus entrou em Jericó e estava atravessando a cidade. 2 Morava ali um homem rico, chamado Zaqueu, que era chefe dos cobradores

Leia mais

#98r. 11.10 As duas testemunhas pregam na terra e vão para o céu ( Apocalipse 11:1~14)

#98r. 11.10 As duas testemunhas pregam na terra e vão para o céu ( Apocalipse 11:1~14) 11.10 As duas testemunhas pregam na terra e vão para o céu ( Apocalipse 11:1~14) O cap.11 é considerado um capítulo de difícil entendimento, principalmente para identificar-se o período, dentro da Tribulação,

Leia mais

Segunda Palavra Não farás para ti nenhum ídolo, nenhuma imagem de qualquer coisa no céu, na terra ou nas águas debaixo da terra Dt 5:8

Segunda Palavra Não farás para ti nenhum ídolo, nenhuma imagem de qualquer coisa no céu, na terra ou nas águas debaixo da terra Dt 5:8 Segunda Palavra Não farás para ti nenhum ídolo, nenhuma imagem de qualquer coisa no céu, na terra ou nas águas debaixo da terra Dt 5:8 Então o Senhor falou a vocês do meio do fogo. Vocês ouviram as palavras,

Leia mais

Nascimento e infância de Jesus

Nascimento e infância de Jesus FEDERAÇÃO ESPÍRITA BRASILEIRA Estudo Aprofundado da Doutrina Espírita Programa I Religião à Luz do Espiritismo Tomo I Cristianismo e Espiritismo Módulo II O Cristianismo Roteiro 1 Nascimento e infância

Leia mais

#93r. 11.7 O Apocalipse X Mateus 24

#93r. 11.7 O Apocalipse X Mateus 24 11.7 O Apocalipse X Mateus 24 #93r Há uma grande semelhança entre a sequência dos acontecimentos do período da Tribulação, descritos no livro do Apocalipse, com relação a Mateus 24. Vamos hoje, analisar

Leia mais

JESUS CRISTO A HISTÓRIA DE. David C Cook. All Rights Reserved

JESUS CRISTO A HISTÓRIA DE. David C Cook. All Rights Reserved A HISTÓRIA DE JESUS CRISTO ESTA É A VERDADEIRA HISTÓRIA DE JESUS CRISTO. ELE ERA UM HOMEM, MAS ERA MUITO MAIS DO QUE ISSO. ELE É O FILHO ÚNICO DE DEUS. É CLARO QUE ELE ERA PODEROSO. ATÉ O VENTO E O MAR

Leia mais

A Bíblia afirma que Jesus é Deus

A Bíblia afirma que Jesus é Deus A Bíblia afirma que Jesus é Deus Há pessoas (inclusive grupos religiosos) que entendem que Jesus foi apenas um grande homem, um mestre maravilhoso e um grande profeta. Mas a Bíblia nos ensina que Jesus

Leia mais

Lição 1 Sábado, 4 de outubro de 2014. Achamos o Messias. Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo. João 1:29.

Lição 1 Sábado, 4 de outubro de 2014. Achamos o Messias. Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo. João 1:29. Lição 1 Sábado, 4 de outubro de 2014. Achamos o Messias Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo. João 1:29. João foi enviado no espírito e poder de Elias a fim de preparar o caminho para Jesus.

Leia mais

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar MELHORES MOMENTOS Expressão de Louvor Acordar bem cedo e ver o dia a nascer e o mato, molhado, anunciando o cuidado. Sob o brilho intenso como espelho a reluzir. Desvendando o mais profundo abismo, minha

Leia mais

CANTOS - Novena de Natal

CANTOS - Novena de Natal 1 1 - Refrão Meditativo (Ritmo: Toada) D A7 D % G Em A7 % Onde reina o amor, frater---no amor. D A7 D % G A7 D Onde reina o amor, Deus aí está! 2 - Deus Trino (Ritmo: Balada) G % % C Em nome do Pai / Em

Leia mais

ECBR PROFESSORA PRISCILA BARROS

ECBR PROFESSORA PRISCILA BARROS CANTATA DE NATAL 2015 ECBR PROFESSORA PRISCILA BARROS 1. O PRIMEIRO NATAL AH UM ANJO PROCLAMOU O PRIMEIRO NATAL A UNS POBRES PASTORES DA VILA EM BELÉM LÁ NOS CAMPOS A GUARDAR OS REBANHOS DO MAL NUMA NOITE

Leia mais

João Batista: Preparando o caminho para Jesus

João Batista: Preparando o caminho para Jesus Lição 3 12 a 19 de julho João Batista: Preparando o caminho para Jesus Sábado à tarde Ano Bíblico: Pv 8 11 VERSO PARA MEMORIZAR: Em verdade vos digo: entre os nascidos de mulher, ninguém apareceu maior

Leia mais

MEDITAÇÃO DE NATAL 2015

MEDITAÇÃO DE NATAL 2015 MEDITAÇÃO DE NATAL 2015 Imagine Maria procurando montar um álbum fotográfico sobre o nascimento de Jesus. Como colocar num mesmo álbum os sinais e experiências que marcaram aquele dia? 1 1. Senão vejamos:

Leia mais

Os encontros de Jesus. sede de Deus

Os encontros de Jesus. sede de Deus Os encontros de Jesus 1 Jo 4 sede de Deus 5 Ele chegou a uma cidade da Samaria, chamada Sicar, que ficava perto das terras que Jacó tinha dado ao seu filho José. 6 Ali ficava o poço de Jacó. Era mais ou

Leia mais

Lembrança da Primeira Comunhão

Lembrança da Primeira Comunhão Lembrança da Primeira Comunhão Jesus, dai-nos sempre deste pão Meu nome:... Catequista:... Recebi a Primeira Comunhão em:... de... de... Local:... Pelas mãos do padre... 1 Lembrança da Primeira Comunhão

Leia mais

CAPÍTULO 2. O Propósito Eterno de Deus

CAPÍTULO 2. O Propósito Eterno de Deus CAPÍTULO 2 O Propósito Eterno de Deus Já falamos em novo nascimento e uma vida com Cristo. Mas, a menos que vejamos o objetivo que Deus tem em vista, nunca entenderemos claramente o porque de tudo isso.

Leia mais

1ª Leitura - Ex 17,3-7

1ª Leitura - Ex 17,3-7 1ª Leitura - Ex 17,3-7 Dá-nos água para beber! Leitura do Livro do Êxodo 17,3-7 Naqueles dias: 3 O povo, sedento de água, murmurava contra Moisés e dizia: 'Por que nos fizeste sair do Egito? Foi para nos

Leia mais

CULTO DA FAMÍLIA Presentes de Natal 2010

CULTO DA FAMÍLIA Presentes de Natal 2010 CULTO DA FAMÍLIA Presentes de Natal 2010 Leitura Bíblica Mateus 2.1-11 Todos E, tendo nascido Jesus em Belém de Judéia, no tempo do rei Herodes, eis que uns magos vieram do oriente a Jerusalém dizendo:

Leia mais

I DOMINGO DA QUARESMA

I DOMINGO DA QUARESMA I DOMINGO DA QUARESMA LITURGIA DA PALAVRA / I Gen 2, 7-9; 3, 1-7 Leitura do Livro do Génesis O Senhor Deus formou o homem do pó da terra, insuflou em suas narinas um sopro de vida, e o homem tornou-se

Leia mais

A VOZ DA RESSURREIÇÃO

A VOZ DA RESSURREIÇÃO A VOZ DA RESSURREIÇÃO 24 A VOZ DA RESSURREIÇÃO Sexta-feira, 20 de dezembro de 2013 Cali, Colômbia Para maiores informações poderá visitar o Site: www.opoderdapalavrapura.com Ou através do e-mail: contato@opoderdapalavrapura.com

Leia mais

SEU NOME SERÁ CHAMADO DE "EMANUEL"

SEU NOME SERÁ CHAMADO DE EMANUEL Portanto o mesmo Senhor vos dará um sinal: Eis que a virgem conceberá, e dará à luz um filho, e chamará o seu nome Emanuel. Isaías 7.14 Eis que a virgem conceberá, e dará à luz um filho, E chamá-lo-ão

Leia mais

Escola da Bíblia Rua Rio Azul, 200, Boa Viagem CEP: 51.030-050 Recife PE

Escola da Bíblia Rua Rio Azul, 200, Boa Viagem CEP: 51.030-050 Recife PE AS GRANDES DOUTRINAS DA BÍBLIA LIÇÃO 07 O QUE A BÍBLIA DIZ A RESPEITO DA SALVAÇÃO INTRODUÇÃO Chegamos ao que pode ser o tópico mais importante desta série: a salvação. Uma pessoa pode estar equivocada

Leia mais

O Arrebatamento da Igreja

O Arrebatamento da Igreja Texto Base: 1Ts 4.13-18 O Arrebatamento da Igreja "Não queremos, porém, irmãos, que sejais ignorantes com respeito aos que dormem, para não vos entristecerdes como os demais, que não têm esperança. Pois,

Leia mais

O SENHOR É A NOSSA BANDEIRA. William Soto Santiago Sábado, 28 de Fevereiro de 2015 Vila Hermosa -Tabasco México

O SENHOR É A NOSSA BANDEIRA. William Soto Santiago Sábado, 28 de Fevereiro de 2015 Vila Hermosa -Tabasco México O SENHOR É A NOSSA BANDEIRA William Soto Santiago Sábado, 28 de Fevereiro de 2015 Vila Hermosa -Tabasco México Reverendo William Soto Santiago, Ph. D. CENTRO DE DIVULGAÇÃO DO EVANGELHO DO REINO http://www.cder.com.br

Leia mais

Pérola de Grande Valor é um volume de escrituras

Pérola de Grande Valor é um volume de escrituras C A P Í T U L O 3 8 Pérola de Grande Valor Pérola de Grande Valor é um volume de escrituras escrito por profetas. Há cinco partes em Pérola de Grande Valor: o livro de Moisés, o livro de Abraão, Joseph

Leia mais

Estudo 15 Adorar a Deus em todo tempo e lugar. Em Marcha, 2015.1 IGREJA METODISTA ASA NORTE 406

Estudo 15 Adorar a Deus em todo tempo e lugar. Em Marcha, 2015.1 IGREJA METODISTA ASA NORTE 406 Estudo 15 Adorar a Deus em todo tempo e lugar Em Marcha, 2015.1 IGREJA METODISTA ASA NORTE 406 Roteiro 1- Introdução 2- Fundamento Bíblico 3- Conclusão 1. Introdução Voce entende a importância da adoração

Leia mais

Igreja Batista Renovada de Boituva www.igrejabatista.boituvasp.com.br

Igreja Batista Renovada de Boituva www.igrejabatista.boituvasp.com.br 34 Lição 5 A Quem deve ser batizado? Antes de subir ao céu, o Senhor Jesus Cristo ordenou aos seus discípulos: E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o Evangelho a toda a criatura. Quem crê e for batizado

Leia mais

Tempo do Natal. Vésperas

Tempo do Natal. Vésperas Tempo do Natal. DESDE A SOLENDADE DA EPFANA Hinos Vésperas Rei Herodes, porque temes A vinda de Cristo Rei, Que veio trazer aos homens Dos Céus o reino e a lei? Foram os Magos seguindo A estrela do Oriente

Leia mais

A CRUCIFICAÇÃO DE JESUS Lição 46

A CRUCIFICAÇÃO DE JESUS Lição 46 A CRUCIFICAÇÃO DE JESUS Lição 46 1 1. Objetivos: Mostrar que o Senhor Jesus morreu na cruz e foi sepultado. Ensinar que o Senhor Jesus era perfeito; não havia nada que o condenasse. Ensinar que depois

Leia mais

O ARCO-ÍRIS. Usado em tantas fotos, admirado quando aparece no céu, usado em algumas simbologias... e muitas vezes desconhecido sua origem.

O ARCO-ÍRIS. Usado em tantas fotos, admirado quando aparece no céu, usado em algumas simbologias... e muitas vezes desconhecido sua origem. Origem do Arco-Íris O ARCO-ÍRIS Usado em tantas fotos, admirado quando aparece no céu, usado em algumas simbologias... e muitas vezes desconhecido sua origem. Quando eu era criança, e via um arco-íris,

Leia mais

Capítulo Vinte e Três (Chapter Twenty-Three) Os Sacramentos (The Sacraments)

Capítulo Vinte e Três (Chapter Twenty-Three) Os Sacramentos (The Sacraments) Capítulo Vinte e Três (Chapter Twenty-Three) Os Sacramentos (The Sacraments) Jesus só deu à Igreja dois sacramentos: batismo nas águas (veja Mt. 28:19) e a Santa Ceia (veja 1 Co. 11:23-26). Estudaremos

Leia mais

Considerações sobre o Evangelho de João

Considerações sobre o Evangelho de João 1 Considerações sobre o Evangelho de João. O Evangelho de João nasceu do anúncio vivo, da memória de homens e mulheres que guardavam e transmitiam os ensinamentos transmitidos por Jesus.. O chão = vida

Leia mais

O NASCIMENTO DO SALVADOR

O NASCIMENTO DO SALVADOR Mensagem pregada pelo Pr Luciano R. Peterlevitz no culto de natal na Igreja Batista Novo Coração, em 20 de dezembro de 2015. Evangelho de Lucas 2.8-20: 8 Havia pastores que estavam nos campos próximos

Leia mais

SUA APARIÇÃO E SUA VINDA

SUA APARIÇÃO E SUA VINDA SUA APARIÇÃO E SUA VINDA QUAL É A DIFERANÇA ENTRE SUA APARIÇÃO E SUA VINDA I Timóteo 6.14Que guardes este mandamento sem mácula e repreensão, até à aparição de nosso Senhor Jesus Cristo; Tito 2.13 13 Aguardando

Leia mais

Bíblia para crianças. apresenta O SÁBIO REI

Bíblia para crianças. apresenta O SÁBIO REI Bíblia para crianças apresenta O SÁBIO REI SALOMÃO Escrito por: Edward Hughes Ilustradopor:Lazarus Adaptado por: Ruth Klassen O texto bíblico desta história é extraído ou adaptado da Bíblia na Linguagem

Leia mais

Cristo e Este Crucificado (Mensagem entregue pelo irmão Stephen Kaung em Richmond- Virginia-USA no dia 11 de março de 2007)

Cristo e Este Crucificado (Mensagem entregue pelo irmão Stephen Kaung em Richmond- Virginia-USA no dia 11 de março de 2007) Cristo e Este Crucificado (Mensagem entregue pelo irmão Stephen Kaung em Richmond- Virginia-USA no dia 11 de março de 2007) Poderiam abri em primeira aos Coríntios capítulo 2, vamos ler todo o capítulo.

Leia mais

LECTIO DIVINA DOMINGO DO BAUTISMO DE JESUS ANO B

LECTIO DIVINA DOMINGO DO BAUTISMO DE JESUS ANO B LECTIO DIVINA DOMINGO DO BAUTISMO DE JESUS ANO B Hno. Ricardo Grzona, frp Tradução: Adriano Israel (PASCOM/Ceará-Mirim-RN) PRIMEIRA LEITURA: Isaías 55, 1-11 Salmo Responsorial: Salmo Lemos Isaías 12, 2-6

Leia mais

Perfil da Igreja que possui maturidade

Perfil da Igreja que possui maturidade Perfil da Igreja que possui maturidade TEXTO BÍBLICO BÁSICO Atos 2.7-45 7 - E, ouvindo eles isto, compungiram-se em seu coração, e perguntaram a Pedro e aos demais apóstolos: Que faremos, homens irmãos?

Leia mais

A Vida do Rei Asa - Bisneto de Salomão

A Vida do Rei Asa - Bisneto de Salomão A Vida do Rei Asa - Bisneto de Salomão 1 Reis 15:9-15 No ano vinte do reinado de Jeroboão em Israel, Asa se tornou rei de Judá 10 e governou quarenta e um anos em Jerusalém. A sua avó foi Maacá, filha

Leia mais

História: Vocês querem que eu continue contando a história do Natal? Maria e José seguiam para Belém,

História: Vocês querem que eu continue contando a história do Natal? Maria e José seguiam para Belém, Data: 13/12/2015 Texto Bíblico: Lucas 2:7; 8-20 e Mateus 2:1-12 Versículo para memorizar: Porque Deus amou o mundo de tal maneira, que deu seu único Filho, para que todo aquele que Nele crê não morra,

Leia mais

4. O princípio da palavra funciona como ponte entre dois mundos (natural/espiritual) e duas dimensões (física/sobrenatural).

4. O princípio da palavra funciona como ponte entre dois mundos (natural/espiritual) e duas dimensões (física/sobrenatural). O Poder das Palavras LEITURA: Marcos 11:12-14 12. E, no dia seguinte, quando saíram de Betânia, teve fome. 13. Vendo de longe uma figueira que tinha folhas, foi ver se nela acharia alguma coisa; e chegando

Leia mais

PREGAÇÃO DO DIA 30 DE NOVEMBRO DE 2013 TEMA : A LUTA PELA FÉ PASSAGEM BASE: FILIPENSES 1:27-30

PREGAÇÃO DO DIA 30 DE NOVEMBRO DE 2013 TEMA : A LUTA PELA FÉ PASSAGEM BASE: FILIPENSES 1:27-30 PREGAÇÃO DO DIA 30 DE NOVEMBRO DE 2013 TEMA : A LUTA PELA FÉ PASSAGEM BASE: FILIPENSES 1:2730 FILIPENSES 1:2730 Somente deveis portarvos dignamente conforme o evangelho de Cristo, para que, quer vá e vos

Leia mais

PREGAÇÃO DO DIA 08 DE MARÇO DE 2014 TEMA: JESUS LANÇA SEU OLHAR SOBRE NÓS PASSAGEM BASE: LUCAS 22:61-62

PREGAÇÃO DO DIA 08 DE MARÇO DE 2014 TEMA: JESUS LANÇA SEU OLHAR SOBRE NÓS PASSAGEM BASE: LUCAS 22:61-62 PREGAÇÃO DO DIA 08 DE MARÇO DE 2014 TEMA: JESUS LANÇA SEU OLHAR SOBRE NÓS PASSAGEM BASE: LUCAS 22:61-62 E, virando- se o Senhor, olhou para Pedro, e Pedro lembrou- se da palavra do Senhor, como lhe havia

Leia mais

Tudo que você precisa saber a respeito de Deus está esta escrito no Salmo 23. Tudo que você precisa saber a teu respeito está escrito no Salmo 23.

Tudo que você precisa saber a respeito de Deus está esta escrito no Salmo 23. Tudo que você precisa saber a teu respeito está escrito no Salmo 23. Tema: DEUS CUIDA DE MIM. Texto: Salmos 23:1-6 Introdução: Eu estava pesando, Deus um salmo tão poderoso até quem não está nem ai prá Deus conhece uns dos versículos, mas poderosos da bíblia e o Salmo 23,

Leia mais

OS ÚLTIMOS TRÊS ANOS DA VIDA DE JESUS NA TERRA

OS ÚLTIMOS TRÊS ANOS DA VIDA DE JESUS NA TERRA OS ÚLTIMOS TRÊS ANOS DA VIDA DE JESUS NA TERRA Luiz Pereira da Costa OS ÚLTIMOS TRÊS ANOS DA VIDA DE JESUS NA TERRA 2006 by Luiz Pereira da Costa, 1959 Direitos em língua Portuguesa reservados ao autor

Leia mais

Vinho Novo Viver de Verdade

Vinho Novo Viver de Verdade Vinho Novo Viver de Verdade 1 - FILHOS DE DEUS - BR-LR5-11-00023 LUIZ CARLOS CARDOSO QUERO SUBIR AO MONTE DO SENHOR QUERO PERMANECER NO SANTO LUGAR QUERO LEVAR A ARCA DA ADORAÇÃO QUERO HABITAR NA CASA

Leia mais

A Identidade da Igreja do Senhor Jesus

A Identidade da Igreja do Senhor Jesus A Identidade da Igreja do Senhor Jesus Atos 20:19-27 (Ap. Paulo) Fiz o meu trabalho como Servo do Senhor, com toda a humildade e com lágrimas. E isso apesar dos tempos difíceis que tive, por causa dos

Leia mais