CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO (Vigência de 01 de setembro de 2014 e término em 31 de agosto de 2015)

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO (Vigência de 01 de setembro de 2014 e término em 31 de agosto de 2015)"

Transcrição

1 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO (Vigência de 01 de setembro de 2014 e término em 31 de agosto de 2015) SUSCITANTE: SUSCITADO: SINDICATO DOS MÉDICOS DE PRESIDENTE PRUDENTE E REGIÃO - SIMEPP, entidade sindical profissional, com registro no MTb sob nº e inscrita no CNPJ/MF sob nº / , com sede na Avenida Celestino José Figueiredo nº 258 Vila Charlote, Presidente Prudente - SP, por seu presidente infra-assinado, o Dr. Roberto Hiroshi Hasimoto. SINDICATO DOS HOSPITAIS, CLÍNICAS, CASAS DE SAÚDE, LABORATÓRIOS DE PESQUISAS E ANÁLISES CLINICAS DE PRESIDENTE PRUDENTE - SINDHOSPRU, entidade sindical patronal, registrada no Ministério do Trabalho Processo nº /02-13, inscrita no CNPJ/MF sob nº / , com sede na Rua Joaquim Nabuco nº 150, Bairro do Bosque, Presidente Prudente, por seu presidente infra-assinado, o Dr. Paulo Fernando de Moraes Nicolau. Entre as entidades sindicais acima indicadas, fica estabelecida a presente CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO, aplicável aos trabalhadores representados pelo Sindicato Suscitante, com data-base em 1º de setembro, na base territorial composta pelas cidades de Alfredo Marcondes, Alvares Machado, Caiabú, Caiuá, Estrela do Norte, Flora Rica, Indiana, Marabá Paulista, Mariápolis, Martinópolis, Mirante do Paranapanema, Narandiba, Ouro Verde, Pirapozinho, Piquerobi, Presidente Bernardes, Presidente Epitácio, Presidente Prudente, Presidente Venceslau, Rancharia, Regente Feijó, Sagres, Sandovalina, Santo Anastácio, Santo Expedito, Taciba, Tarabai e Teodoro Sampaio; e a abrangência do SINDICATO DOS HOSPITAIS, CLÍNICAS, CASAS DE SAÚDE, LABORATÓRIOS DE PESQUISAS E ANÁLISES CLÍNICAS DE PRESIDENTE PRUDENTE - SINDHOSPRU aplicável na base territorial composta pelas cidades de Alfredo Marcondes, Alvares Machado, Caiabú, Caiuá, Estrela do Norte, Flora Rica, Indiana, Marabá Paulista, Mariápolis, Martinópolis, Mirante do Paranapanema, Narandiba, Ouro Verde, Pirapozinho, Piquerobi, Presidente Bernardes, Presidente Epitácio, Presidente Prudente, Presidente Venceslau, Rancharia, Regente Feijó, Sagres, Sandovalina, Santo Anastácio, Santo Expedito, Taciba, Tarabai e Teodoro Sampaio, para vigorar a partir de 1º de setembro de 2014, mediante as seguintes cláusulas e condições, que reciprocamente aceitam e outorgam a saber:

2 CLÁUSULA 1ª - REAJUSTE SALARIAL: Fica estabelecido o reajuste salarial total de 6,5% (seis e meio por cento), a incidir sobre os salários de setembro/2013, a serem pagos a partir de 01 de setembro de Parágrafo 1º - Serão compensadas todas as antecipações legais, convencionais ou espontâneas concedidas entre 1º/09/2013 e 31/08/2014, conforme a Instrução Normativa nº 1 do C. TST, excluídos os aumentos decorrentes de promoção, transferência, vantagem pessoal ou equiparação salarial. Parágrafo 2º - As eventuais diferenças salariais oriundas da presente Norma Coletiva poderão ser pagas, sem qualquer tipo de multa ou acréscimo, por ocasião do pagamento dos salários do mês de novembro/2014, ou seja, até o 5º dia útil de dezembro/2014. CLÁUSULA 2ª - PISOS SALARIAIS: Fica estabelecido os seguintes pisos salariais para a categoria, a partir de 01/09/2014: a) R$ 3.300,00 (três mil e trezentos reais), para pagamento mensal, observando-se a jornada de 20 (vinte) horas semanais, 100 (cem) horas mensais, já incluído neste valor o DSR, e; b) R$ 3.960,00 (três mil e novecentos e sessenta reais) para pagamento mensal, observando-se a jornada de 24 (vinte e quatro) horas semanais, 120 (cento e vinte) horas mensais, já incluído neste valor o DSR. Parágrafo 1º - É permitida a contratação de jornada inferior ou superior, ou em regime de plantão, com pagamento de salário proporcional ao número de horas contratadas, através de contrato escrito, firmado entre médico e a empresa. Parágrafo 2º - Obriga-se a empresa, na ocorrência das exceções previstas no parágrafo primeiro supra, a fornecer cópia do contrato ao médico, mediante protocolo, sob pena das horas excedentes serem consideradas como jornada extraordinária. Parágrafo 3º - Sobre os pisos acima transcritos, não haverá o reajuste da cláusula 1ª de reajuste salarial. CLÁUSULA 3ª - HORAS EXTRAS: As horas extraordinárias serão remuneradas com acréscimo de 50% (cinqüenta por cento) em relação à remuneração da hora normal, para a primeira hora, e de 100% (cem por cento) para as posteriores.

3 CLÁUSULA 4ª - EMPREGADO ADMITIDO NA FUNÇÃO DE OUTRO: Fica estabelecido que será garantido ao empregado admitido para a função de outro, igual salário do substituído, com exceção das vantagens pessoais do dispensado substituído. CLÁUSULA 5ª - SALÁRIO SUBSTITUTO: Fica estabelecido que enquanto durar a substituição que não tenha caráter meramente eventual, o empregado substituto fará jus ao salário contratual do substituído (Enunciado 159 do C. TST), sem considerar vantagens pessoais. CLÁUSULA 6ª - ADICIONAL NOTURNO: Fica estabelecido que o adicional incidente sobre as horas noturnas trabalhadas, assim compreendidas nos horários de 22:00 às 05:00 horas, será na base de 40% (quarenta por cento) sobre o valor correspondente ao da hora normal. CLÁUSULA 7ª - DISPONIBILIDADE DE TRABALHO: Fica estabelecido que o médico que permanecer a disposição da empresa cumprindo a Jornada de Plantonista a distância, requisitado através do sistema bip, telefone ou outro meio qualquer de comunicação, receberá 1/3 (um terço) do valor da hora normal, contratado para a prestação de serviço no local da empresa. CLÁUSULA 8ª - REFEIÇÃO: O empregador fornecerá refeição gratuitamente ao médico plantonista que fizer jornada de trabalho de 12 ou 24 horas. A alimentação se dará no próprio local da prestação do serviço, quando a empresa tiver meios para tanto. CLÁUSULA 9ª - VESTIMENTAS, EQUIPAMENTOS OU INSTRUMENTOS DE TRABALHO: Fica estabelecido que o empregador ficará obrigado a fornecer gratuitamente ao médico, equipamento de proteção individual, bem como, roupas especiais quando as condições técnicas o exigirem, ou uniformes, se da exigência dele, bem como, os instrumentos e aparelhos de trabalho indispensáveis ao bom desempenho de suas funções. CLÁUSULA 10ª - RAIS: Fica estabelecido que a empresa fica obrigada a remeter ao Sindicato profissional, uma vez por ano, a relação dos empregados pertencentes a categoria.

4 CLÁUSULA 11 - COMPROVANTE DE PAGAMENTO: Fica estabelecido que o pagamento do salário será feito mediante recibo, fornecendo-se cópia ao empregado, com a identificação da empresa, e do qual constarão a remuneração, com a discriminação das parcelas, a quantia líquida paga, os dias trabalhados ou o total da produção, as horas extras e os descontos efetuados, inclusive para a Previdência Social, e o valor correspondente ao FGTS. CLÁUSULA 12 - ACOMODAÇÕES CONDIGNAS: Fica estabelecido que a entidade empregadora deverá fornecer acomodações condignas de higiene, saúde e de descanso aos médicos, sempre que a jornada de trabalho for de 12 (doze) ou 24 (vinte e quatro) horas consecutivas. CLÁUSULA 13 - DISPENSA DO EMPREGADO COMUNICADO: Fica estabelecido que o empregado despedido será informado, por escrito, dos motivos da dispensa. CLÁUSULA 14 - QUADRO DE AVISOS: Fica estabelecido a afixação na empresa de Quadro de Avisos do Sindicato, para comunicado de interesse dos empregados, vedado os de conteúdo político-partidário ou ofensivo. CLÁUSULA 15 - CONTRIBUIÇÃO ASSISTENCIAL: As empresas deduzirão no mês subsequente à publicação desta Convenção, de cada médico empregado, a importância correspondente a 6% (seis por cento) do piso salarial, referente à contribuição assistencial, considerando a proporcionalidade da jornada de trabalho efetuada, que deverá ser recolhida conforme instruções a serem enviadas por este Sindicato Suscitante. Parágrafo Único - Na hipótese do registro desta Convenção Coletiva ser efetuado em data posterior a , as empresas terão prazo de 30 (trinta) dias seguintes ao término do mês em que houve o referido registro para efetuar o recolhimento referente ao mês vencido, sob pena de fazê-lo com multa de 2% (dois por cento) pagos pela empresa empregadora, a incidir sobre o débito atualizado monetariamente pela variação do INPC ou índice que suceda. CLÁUSULA 16 - REPRESENTANTE SINDICAL: Fica estabelecido que as empresas com mais de 200 (duzentos) empregados é assegurada a eleição de um representante destes com a finalidade exclusiva de promover-lhes o entendimento direto com os empregadores.

5 CLÁUSULA 17 - SINDICALIZAÇÃO ACESSO: Fica assegurado o acesso dos dirigentes sindicais as empresas, nos intervalos destinados a alimentação e descanso, para desempenho de suas funções, vetada a divulgação de matéria político partidária ou ofensiva. CLÁUSULA 18 - COMISSÕES CIENTÍFICAS: Fica assegurado a continuidade das Comissões Científicas de médicos nas empresas em que já existirem, bem como o direito de sua criação nas empresas em que não existirem, desde que obedecido o regulamento interno em vigor quando de sua criação, e que não resultem em ônus para as entidades. CLÁUSULA 19 - ATESTADOS MÉDICOS: Fica assegurada a eficácia aos atestados médicos e odontológicos fornecidos por profissionais do sindicato dos trabalhadores, para o fim de abono de falta ao serviço, desde que existente convênio do Sindicato com a Previdência Social, salvo se o empregador possuir serviço próprio ou conveniado. CLÁUSULA 20 - ESTABILIDADE MATERNIDADE: Fica assegurada à médica gestante estabilidade provisória, desde a confirmação da gravidez até 5 (cinco) meses após o parto. CLÁUSULA 21 - LICENÇA PATERNIDADE: Direito ao empregado, após o nascimento de seu filho, de licença de 5 (cinco) dias, nos termos da Constituição Federal de CLÁUSULA 22 - CESTA BÁSICA: As empresas fornecerão cesta básica aos médicos abrangidos pela presente Convenção Coletiva de Trabalho, nos termos e condições da cesta básica existente no acordo, convenção ou julgamento de dissídio da categoria preponderante do local da prestação de serviços, quando houver. Parágrafo 1º - Fica facultado ao estabelecimento de serviço de saúde o cumprimento da obrigação prevista nesta cláusula mediante concessão de vale cesta, ou ticketcesta, ou ordem de retirada similar, em valor correspondente à cesta básica em questão. Parágrafo 2º - A cesta básica a que alude a presente cláusula não integra, para qualquer efeito, a remuneração do empregado, inclusive o seu salário de contribuição para fins de seguridade social, devendo ainda, integrar o sistema PAT (Programa de Alimentação do Trabalhador).

6 CLÁUSULA 23 - MULTA: Fixa-se multa no valor de 2% (dois por cento) do salário normativo, por infração e por empregado, no caso de violação das condições da presente Norma Coletiva de Trabalho, com reversão do valor correspondente à parte prejudicada. CLÁUSULA 24 - JUÍZO COMPETENTE: As Varas do Trabalho e o Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região serão competentes para dirimir questões oriundas da presente Convenção Coletiva de Trabalho. CLÁUSULA 25 - DATA-BASE: A data-base da categoria, para fins de negociação coletiva será 1º de Setembro. CLÁUSULA 26 - VIGÊNCIA: A presente Convenção Coletiva de Trabalho terá vigência de 1 (um) ano, a partir de 01 de setembro de 2014 e término em 31 de agosto de 2015, para todas as cláusulas. E assim, plenamente de acordo firmam a presente Norma Coletiva de Trabalho para que produza seus legais e jurídicos efeitos. São Paulo, 12 de novembro de SUSCITANTE: ROBERTO HIROSHI HASIMOTO Presidente CPF/MF SUSCITADO: PAULO FERNANDO DE MORAES NICOLAU Presidente CPF/MF Jurídico/Fehoesp/Convenções/Convenções Médicos/Presidente Prudente/CMEPPR 2014

SIMEPP Sindicato dos Médicos de Presidente Prudente e Região

SIMEPP Sindicato dos Médicos de Presidente Prudente e Região PAUTA PARA CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO SUSCITANTE: SINDICATO DOS MÉDICOS DE PRESIDENTE PRUDENTE e REGIÃO SIMEPP, entidade sindical profissional, com registro no Mtb sob n 24440070118, inscrita no CNPJ/MF

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 1 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO SUSCITANTE: SINDICATO DOS MÉDICOS DE SOROCABA E CIDADES DA REGIÃO - SIMESUL, entidade sindical profissional, com registro no MTb sob nº46.010.005425/92 e inscrita no CNPJ/MF

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 1 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO SUSCITANTE: SINDICATO DOS PSICÓLOGOS NO ESTADO DE SÃO PAULO - SINPSI-SP, Entidade Sindical Profissional, com registro no MTb sob nº012.228.026.60-5 e inscrita no CNPJ/MF

Leia mais

PAUTA DE REIVINDICAÇÕES DO SINDICATO DOS MÉDICOS DE SANTO ANDRÉ E REGIÃO PARA AS NEGOCIAÇÕES COLETIVAS DO PERÍODO

PAUTA DE REIVINDICAÇÕES DO SINDICATO DOS MÉDICOS DE SANTO ANDRÉ E REGIÃO PARA AS NEGOCIAÇÕES COLETIVAS DO PERÍODO PAUTA DE REIVINDICAÇÕES DO SINDICATO DOS MÉDICOS DE SANTO ANDRÉ E REGIÃO PARA AS NEGOCIAÇÕES COLETIVAS DO PERÍODO 2016-2017 SUSCITANTE: SINDICATO DOS MÉDICOS DE SANTO ANDRÉ E REGIÃO - SINDMED-GABC, entidade

Leia mais

PAUTA REIVINDICAÇÕES

PAUTA REIVINDICAÇÕES 1 PAUTA REIVINDICAÇÕES 2017-2018 SUSCITANTE: SINTENUTRI - SINDICATO DOS TÉCNICOS EM NUTRIÇÃO E DIETÉTICA DO ESTADO DE SÃO PAULO; entidade sindical profissional, registrada no Ministério do Trabalho sob

Leia mais

Convenção coletiva 2000

Convenção coletiva 2000 Convenção coletiva 2000 O Sindicato dos Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Passo Fundo e Região e o Sindicato dos Trabalhadores em Hotéis, Bares, Restaurantes e Similares de Passo Fundo, ambos

Leia mais

SINDICATO DOS MÉDICOS DE ANÁPOLIS - SIMEA

SINDICATO DOS MÉDICOS DE ANÁPOLIS - SIMEA ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016 DA ABRANGÊNCIA: Cláusula 1ª Este acordo coletivo de trabalho que entre si celebram, de um lado o Sindicato dos Médicos de Anápolis e, do outro lado, o Hospital Espírita

Leia mais

Convenção Coletiva de Trabalho 2008 / 2009

Convenção Coletiva de Trabalho 2008 / 2009 Convenção Coletiva de Trabalho 2008 / 2009 SUSCITANTE: SINDICATO DOS PSICOLOGOS NO ESTADO DE SÃO PAULO SINPSI-SP, entidade sindical profissional, com sede na Rua Arruda Alvim, 391, São Paulo, SP, devidamente

Leia mais

ÍNDICE ALFABÉTICO DA CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO FIRMADA ENTRE A FEHOESP E SINSESP ANO DE 2016

ÍNDICE ALFABÉTICO DA CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO FIRMADA ENTRE A FEHOESP E SINSESP ANO DE 2016 ÍNDICE ALFABÉTICO DA CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO FIRMADA ENTRE A FEHOESP E SINSESP ANO DE 2016 A CLÁUSULA 6ª ABRANGÊNCIA C CLÁUSULA 2ª - COMPENSAÇÕES CLÁUSULA 4ª - CONTRIBUIÇÃO ASSISTENCIAL D CLÁUSULA

Leia mais

Convenção Coletiva de Trabalho 2015/2016

Convenção Coletiva de Trabalho 2015/2016 1 Convenção Coletiva de Trabalho 2015/2016 SUSCITANTE: SINDICATO DOS PSICÓLOGOS NO ESTADO DE SÃO PAULO, entidade sindical profissional, com sede na Rua Aimberê, 2053, São Paulo/SP, devidamente inscrita

Leia mais

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO Page 1 of 5 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: GO000211/2013 DATA DE REGISTRO NO MTE: NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR069411/2012 NÚMERO DO PROCESSO: 46290.000413/2013-08 DATA

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO (VIGENTE NO PERÍODO a )

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO (VIGENTE NO PERÍODO a ) CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO (VIGENTE NO PERÍODO 01.05.2014 a 30.04.2016) SUSCITANTE: SUSCITADA: SINDICATO DOS TÉCNICOS DE SEGURANÇA DO TRABALHO DO ESTADO DE SÃO PAULO - SINTESP, Entidade Sindical Profissional,

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO Entre o SINDICATO DOS MÉDICOS DE SÃO PAULO - SIMESP, inscrito no CNPJ/MF sob o nº 45.877.446/0001-37, com sede à Rua Maria Paula, 78, 2º, 3º e 4º andares, Bela Vista, São

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR026019/2015 DATA E HORÁRIO DA TRANSMISSÃO: 12/05/2015 ÀS 09:44 FEDERACAO DO COMERCIO DE BENS, SERVICOS E TURISMO DO ESTADO DE MINAS GERAIS

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR064708/2016 DATA E HORÁRIO DA TRANSMISSÃO: 23/09/2016 ÀS 10:21 NÚMERO DO PROCESSO: 46219.015089/2016-20 DATA DO PROTOCOLO: 13/10/2016 SINDICATO

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO "EMPREGADOS EM EDIFÍCIOS E CONDOMÍNIOS RESIDENCIAIS, COMERCIAIS E MISTOS" PARTES: SINDICATO DOS EMPREGADOS DE EDIFÍCIOS, ZELADORES, PORTEIROS, CABINEIROS, VIGIAS, FAXINEIROS,

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016 SINDICATO DOS EMPREGADOS NO COMERCIO DE JARAGUA DO SUL, CNPJ n. 83.539.569/0001-57, neste ato representado(a) por seu Presidente, Sr(a). ANA MARIA ROEDER; E SINDICATO

Leia mais

SINDITRAUX CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO / 2008

SINDITRAUX CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO / 2008 SINDITRAUX CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO - 2007 / 2008 Entre o SINDICATO DOS PROFISSIONAIS QUE TRABALHAM COM RADIAÇÃO, AUXILIARES, ULTRASSONOGRAFIA E XEROGRAFIA DO ESTADO DE MINAS GERAIS SINDITRAUX, CNPJ

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO "EMPREGADOS EM EDIFÍCIOS E CONDOMÍNIOS RESIDENCIAIS, COMERCIAIS E MISTOS" PARTES: SINDICATO DOS EMPREGADOS EM EDIFÍCIOS E CONDOMÍNIOS RESIDENCIAIS E COMERCIAIS DE SÃO BERNARDO

Leia mais

Salários, Reajustes e Pagamento

Salários, Reajustes e Pagamento TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2010/2011 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR065290/2010 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 46254.003732/2009-17

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR055671/2016 DATA E HORÁRIO DA TRANSMISSÃO: 17/08/2016 ÀS 15:56 SINDICATO DOS EMPREGADOS NO COMERCIO DE JARAGUA DO SUL, CNPJ n. 83.539.569/0001-57,

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016 1 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016 SUSCITANTE: SINDICATO DOS FISIOTERAPEUTAS, TERAPEUTAS OCUPACIONAIS, AUXILIARES DE FISIOTERAPIA E AUXILIARES DE TERAPIA OCUPACIONAL NO ESTADO DE SÃO PAULO, entidade

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA 2014

CONVENÇÃO COLETIVA 2014 CONVENÇÃO COLETIVA 2014 SINDICATO TRABALHADORES NA MOVIMENTAÇÃO DE MERCADORIAS EM GERAL DE ALFENAS, CNPJ n. 06.224.171/0001-80, neste ato representado por seu Presidente, Sr. JOSÉ IZAEL JARDIM DE SOUZA;

Leia mais

ACORDO EM DISSÍDIO COLETIVO (vigência de 01 de maio de 2009 e término em 30 de Abril de 2011) PROCESSO TRT/CAMPINAS Nº DC

ACORDO EM DISSÍDIO COLETIVO (vigência de 01 de maio de 2009 e término em 30 de Abril de 2011) PROCESSO TRT/CAMPINAS Nº DC 1 ACORDO EM DISSÍDIO COLETIVO (vigência de 01 de maio de 2009 e término em 30 de Abril de 2011) PROCESSO TRT/CAMPINAS Nº00956-2009-000-15-00-6 DC SUSCITANTE: SUSCITADO: SINDICATO DOS EMPREGADOS EM ESTABELECIMENTOS

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 22/12/2011

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 22/12/2011 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR061899/2012 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 47998.008319/2011-22 DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA

Leia mais

CAMPANHA SALARIAL 2015 PRINCIPAIS PAUTAS DE REIVINDICAÇÕES PARA O SETOR PRIVADO

CAMPANHA SALARIAL 2015 PRINCIPAIS PAUTAS DE REIVINDICAÇÕES PARA O SETOR PRIVADO CAMPANHA SALARIAL 2015 PRINCIPAIS PAUTAS DE REIVINDICAÇÕES PARA O SETOR PRIVADO CLÁUSULA 1ª CORREÇÃO SALARIAL: Os salários vigentes em 31 de agosto de 2015 serão corrigidos, a partir de 1º de setembro

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 28/12/2011

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 28/12/2011 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR061900/2012 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 46268.004620/2011-49 DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 SINDICATO DOS TRABALHADORES BOMBEIROS PROFISSIONAIS CIVIS DO ESTADO DE MINAS GERAIS SINDBOMBEIROS/MG, CNPJ n 09.237.148/0001-19, neste ato representado por seu

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2010 SINDICATOS DO INTERIOR

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2010 SINDICATOS DO INTERIOR CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2010 SINDICATOS DO INTERIOR Comunicamos o Acordo Coletivo celebrado com a o Sindicato dos Empregados de Agentes Autônomos do Comércio e em Empresas de Assessoramento, Perícias,

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO (CCT) 2001/2002

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO (CCT) 2001/2002 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO (CCT) 2001/2002 O SINDICATO DOS HOSPITAIS, CLÍNICAS E CASAS DE SAÚDE DO ESTADO DE MINAS GERAIS, com base territorial em todo Estado de Minas Gerais, representando todos os

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SP005372/2013 DATA DE REGISTRO NO MTE: 23/05/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR023931/2013 NÚMERO DO PROCESSO: 47998.003161/2013-66

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2009/2010

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2009/2010 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2009/2010 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SC002261/2009 DATA DE REGISTRO NO MTE: 07/12/2009 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR053750/2009 NÚMERO DO PROCESSO: 46220.005185/2009-00 DATA DO

Leia mais

1- DO INSTRUMENTO NORMATIVO E SEU CAMPO DE APLICAÇÃO

1- DO INSTRUMENTO NORMATIVO E SEU CAMPO DE APLICAÇÃO CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO Pelo presente instrumento, de um lado, o SINDICATO DO COMÉRCIO VAREJISTA DE COMBUSTÍVEIS AUTOMOTIVOS, LOJAS DE CONVENIÊNCIA e LUBRIFICANTES DO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL-SINPETRO/MS,

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016. Confira a autenticidade no endereço

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016. Confira a autenticidade no endereço ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: PR001404/2015 DATA DE REGISTRO NO MTE: 20/04/2015 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR019141/2015 NÚMERO DO PROCESSO: 46212.005615/2015-22 DATA DO

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2013

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2013 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2013 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: MG004286/2011 DATA DE REGISTRO NO MTE: 25/10/2011 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR062526/2011 NÚMERO DO PROCESSO: 46211.009587/2011-07 DATA DO

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço

Confira a autenticidade no endereço ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2017/2018 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RS002117/2017 DATA DE REGISTRO NO MTE: 25/08/2017 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR051464/2017 NÚMERO DO PROCESSO: 46218.012583/2017-23 DATA DO

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO, que firmam SINDICATO DAS INDÚSTRIAS. METALÚRGICAS, MECÂNICAS E DE MATERIAL ELÉTRICO DE LAGES, com sede na

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO, que firmam SINDICATO DAS INDÚSTRIAS. METALÚRGICAS, MECÂNICAS E DE MATERIAL ELÉTRICO DE LAGES, com sede na CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2002. CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO, que firmam SINDICATO DAS INDÚSTRIAS METALÚRGICAS, MECÂNICAS E DE MATERIAL ELÉTRICO DE LAGES com sede na Av. Belizário Ramos nº 2.276

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: ES000257/2011 DATA DE REGISTRO NO MTE: 28/06/2011 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR031201/2011 NÚMERO DO PROCESSO: 46207.005077/2011-11 DATA

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO PARA

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO PARA CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO PARA 2007-2008. Pela presente CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO que celebra de um lado o SINDICATO DOS TRABALHADORES NAS INDÚSTRIAS METALÚRGICAS, MECÂNICAS E DO MATERIAL ELÉTRICO

Leia mais

CIRCULAR SINDJUNDIAÍ Nº 009/2015 Jundiaí, 25 de junho de 2015

CIRCULAR SINDJUNDIAÍ Nº 009/2015 Jundiaí, 25 de junho de 2015 CIRCULAR SINDJUNDIAÍ Nº 009/2015 Jundiaí, 25 de junho de 2015 ASSUNTO: DIVULGA A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO FIRMADA COM O SINDICATO DOS EMPREGADOS EM ESTABELECIMENTOS DE SERVIÇOS DE SAÚDE DE CAMPINAS

Leia mais

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO Page 1 of 7 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2012/2013 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RJ001488/2012 DATA DE REGISTRO NO MTE: 30/07/2012 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR033182/2012 NÚMERO DO PROCESSO: 46215.020085/2012-70

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SC002362/2011 DATA DE REGISTRO NO MTE: 24/10/2011 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR062594/2011 NÚMERO DO PROCESSO: 46220.005168/2011-89 DATA

Leia mais

SINDICATO DOS EMPREGADOS

SINDICATO DOS EMPREGADOS 2008 2009 Pelo presente instrumento, de um lado o SINDICATO DOS EMPREGADOS EM ENTIDADES CULTURAIS, RECREATIVAS, E DE ASSISTÊNCIA SOCIAL, DE ORIENTAÇÃO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL DO ESTADO DE SANTA CATARINA

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: MS000150/2012 DATA DE REGISTRO NO MTE: 18/05/2012 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR023594/2012 NÚMERO DO PROCESSO: 46312.002655/2012-41 DATA

Leia mais

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO REAJUSTES/CORREÇÕES SALARIAIS

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO REAJUSTES/CORREÇÕES SALARIAIS Página 1 de 5 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: GO000473/2015 DATA DE REGISTRO NO MTE: NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR030859/2015 NÚMERO DO PROCESSO: 46208.007344/2015-17 DATA

Leia mais

SINDICATO DOS MÉDICOS DE SOROCABA E CIDADES DA REGIÃO SIMESUL

SINDICATO DOS MÉDICOS DE SOROCABA E CIDADES DA REGIÃO SIMESUL PAUTA DE REIVINDICAÇÕES DO SINDICATO DOS MÉDICOS DE SOROCABA E CIDADES DA REGIÃO - - 2016/2017 CLÁUSULA 1ª - CORREÇÃO SALARIAL Os salários vigentes em 31 de agosto de 2016 serão corrigidos, a partir de

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO - 2000 Entre as partes, de um lado: SINDICATO DOS TRABALHADORES NAS INDÚSTRIAS FABRICANTES DE PEÇAS E PRÉ-FABRICADOS EM CONCRETO DO ESTADO DE SÃO PAULO e de outro lado: SINDICATO

Leia mais

Salários, Reajustes e Pagamento Reajustes/Correções Salariais

Salários, Reajustes e Pagamento Reajustes/Correções Salariais ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2016/2017 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SC000636/2016 DATA DE REGISTRO NO MTE: 28/04/2016 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR019358/2016 NÚMERO DO PROCESSO: 46220.001834/2016-14 DATA DO

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2016

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2016 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2016 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: CE000469/2016 DATA DE REGISTRO NO MTE: 18/04/2016 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR018152/2016 NÚMERO DO PROCESSO: 46205.004307/2016-50 DATA

Leia mais

Principais cláusulas da Convenção Coletiva de Trabalho

Principais cláusulas da Convenção Coletiva de Trabalho SINPEFESP-(empregados)-SINDELIVRE-(patronal) Principais cláusulas da Convenção Coletiva de Trabalho 2012/2013. VIGÊNCIA E DATA-BASE As cláusulas e condições da presente Convenção Coletiva de Trabalho que

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2012/2013

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2012/2013 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2012/2013 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RS001260/2012 DATA DE REGISTRO NO MTE: 17/07/2012 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR034965/2012 NÚMERO DO PROCESSO: 46218.008742/2012-81 DATA DO

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016 FEDERACAO DO COMERCIO DE BENS, SERVICOS E TURISMO DO ESTADO DE MINAS GERAIS - FECOMERCIO-MG, CNPJ n. 17.271.982/0001-59, neste ato representado(a) por seu Presidente,

Leia mais

Entre as partes supra aludidas, fica estabelecida a presente Convenção Coletiva de Trabalho, que ora pactuam, nas seguintes cláusulas e condições:

Entre as partes supra aludidas, fica estabelecida a presente Convenção Coletiva de Trabalho, que ora pactuam, nas seguintes cláusulas e condições: Convenção Coletiva de Trabalho 2012/2013 SUSCITANTE: SINDICATO DOS MÉDICOS DE SÃO PAULO, Entidade Sindical Profissional, com sede na Rua Maria Paula nº 78-2º/3º/4º andar, Centro, São Paulo - SP, devidamente

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2008/2009

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2008/2009 Rec. MTB em 13/02/79.Processo 313.503/78 Livro. 81. Fls..90 CNPJ 83.083.576/0001-97 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2008/2009 Pelo presente instrumento de Convenção Coletiva de Trabalho, de um lado o SINDICATO

Leia mais

PAUTA DE REIVINDICAÇÕES PARA NORMA COLETIVA DE TRABALHO ODONTOLOGISTAS /2017.

PAUTA DE REIVINDICAÇÕES PARA NORMA COLETIVA DE TRABALHO ODONTOLOGISTAS /2017. PAUTA DE REIVINDICAÇÕES PARA NORMA COLETIVA DE TRABALHO ODONTOLOGISTAS - 2016/2017. 1 DATA-BASE Fica mantida a data-base da categoria o dia 1º de Março. 2 - ATUALIZAÇÃO SALARIAL - Os salários dos empregados

Leia mais

CIRCULAR CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2013

CIRCULAR CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2013 CIRCULAR CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2013 Esta circular do segmento VAREJISTA se aplica aos comerciários da base comum dos sindicatos signatários deste documento: SINCOMÉRCIARIOS E SINCOMÉRCIO,

Leia mais

Sindicato dos Empregados no Comércio de Guarulhos

Sindicato dos Empregados no Comércio de Guarulhos 1 TERMO DE ADITAMENTO À CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2005/2006 Por este instrumento e na melhor forma de direito, de um lado como representante da categoria profissional o SINDICATO DOS EMPREGADOS NO

Leia mais

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO PISO SALARIAL

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO PISO SALARIAL 1 de 5 19/02/2015 14:00 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2014/2015 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RJ000233/2015 DATA DE REGISTRO NO MTE: 12/02/2015 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR076924/2014 NÚMERO DO PROCESSO: 46215.030044/2014-53

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço

Confira a autenticidade no endereço CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: MS000493/2014 DATA DE REGISTRO NO MTE: 13/11/2014 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR063815/2014 NÚMERO DO PROCESSO: 46312.006383/2014-11 DATA

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: MG004077/2011 DATA DE REGISTRO NO MTE: 07/10/2011 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR056169/2011 NÚMERO DO PROCESSO: 46246.002361/2011-70 DATA DO

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR023662/2013 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 46219.015516/2012-46

Leia mais

ANO REFERÊNCIA 2017/2018

ANO REFERÊNCIA 2017/2018 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO CELEBRADA ENTRE O SINDICATO DOS PROPRIETÁRIOS DE CFC S DO ESTADO DE MINAS GERAIS SIPROCFC/MG E O SINDICATO DOS EMPREGADOS E INSTRUTORES DE AUTO-ESCOLAS E DOS CFC S DO ESTADO

Leia mais

2.013 2.014. 1. VIGÊNCIA A presente convenção terá vigência de 12 (doze) meses a contar de 1º de julho de 2.013.

2.013 2.014. 1. VIGÊNCIA A presente convenção terá vigência de 12 (doze) meses a contar de 1º de julho de 2.013. CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2.013 2.014 SINDICATO DOS EMPREGADOS DE AGENTES AUTÔNOMOS DO COMÉRCIO E EM EMPRESAS DE ASSESSORAMENTO, PERÍCIAS, INFORMAÇÕES E PESQUISAS E DE EMPRESAS DE SERVIÇOS CONTÁBEIS

Leia mais

MINUTA DA CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017

MINUTA DA CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017 MINUTA DA CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017 SINDICATO DOS TÉCNICOS DE SEGURANÇA DO TRABALHO NO ESTADO DE SÃO PAULO - SINTESP, entidade sindical profissional, inscrita no CNPJ/MF sob o no. 60.266.996/0001-03,

Leia mais

Por este instrumento e na melhor forma de direito, de um lado, como representante da

Por este instrumento e na melhor forma de direito, de um lado, como representante da CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017 Excerto da CCT assinada entre o sindicato profissional e a FECOMERCIO SP, por procuração e nas cláusulas que se aplicam ao SINCOMAVI Por este instrumento e na melhor

Leia mais

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO PISO SALARIAL

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO PISO SALARIAL Mediador - Extrato Convenção Coletiva 1 de 6 30/09/2014 11:55 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2013 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SP000732/2013 DATA DE REGISTRO NO MTE: 24/01/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO:

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2012/2013

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2012/2013 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2012/2013 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RS001127/2012 DATA DE REGISTRO NO MTE: 29/06/2012 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR035726/2012 NÚMERO DO PROCESSO: 46218.008327/2012-27 DATA DO

Leia mais

/ I N T E R I O R

/ I N T E R I O R CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO CELEBRADA ENTRE O SINDICATO DO COMÉRCIO VAREJISTA DE PRODUTOS FARMACÊUTICOS, A FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO DE BENS SERVIÇOS E TURISMO DO ESTADO DE MINAS GERAIS E O SINDICATO DOS

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: AL000160/2014 DATA DE REGISTRO NO MTE: 10/07/2014 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR030845/2014 NÚMERO DO PROCESSO: 46201.003974/2014-93 DATA

Leia mais

PRIMEIRA DATA BASE A data-base da categoria profissional, para todos os efeitos legais, continuará sendo primeiro de julho (1º/07) de cada ano.

PRIMEIRA DATA BASE A data-base da categoria profissional, para todos os efeitos legais, continuará sendo primeiro de julho (1º/07) de cada ano. O SINDICATO DOS EMPREGADOS NO COMÉRCIO DE BARBACENA E O SINDICATO DO COMÉRCIO VAREJISTA DE. BARBACENA, REPRESENTADOS POR SEUS PRESIDENTES, CELEBRAM CONVENÇÃO COLETIVA MEDIANTE AS SEGUINTESCLÁUSULASE CONDIÇÕES.

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2009/2010

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2009/2010 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2009/2010 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RJ000583/2009 DATA DE REGISTRO NO MTE: 29/05/2009 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR017375/2009 NÚMERO DO PROCESSO: 46666.001300/2009-20 DATA

Leia mais

TERMO DE ADITAMENTO À CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2014

TERMO DE ADITAMENTO À CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2014 TERMO DE ADITAMENTO À CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2012/2014 JORNADA NORMAL DE TRABALHO - Atendido ao disposto no artigo 3 da Lei n 12.790/2013, a jornada normal dos empregados comerciários não excederá

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2014/2015

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2014/2015 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2014/2015 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SP010165/2014 DATA DE REGISTRO NO MTE: 28/08/2014 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR046956/2014 NÚMERO DO PROCESSO: 46255.002557/2014-06 DATA DO

Leia mais

PAUTA DE REIVINDICAÇÕES CCT SINDCLIN 2014/2015

PAUTA DE REIVINDICAÇÕES CCT SINDCLIN 2014/2015 PAUTA DE REIVINDICAÇÕES CCT SINDCLIN 2014/2015 CLÁUSULAS DE REIVINDICAÇÕES: CLÁUSULA PRIMEIRA REAJUSTE SALARIAL: Reajuste salarial dos trabalhadores em CONSULTÓRIOS MÉDICOS E ODONTOLÓGICOS, CLÍNICAS MÉDICAS

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016 Excerto da CCT assinada entre o sindicato profissional e a FECOMERCIO SP, por procuração e nas cláusulas que se aplicam ao SINCOMAVI Por este instrumento e na melhor

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2009/2010

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2009/2010 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2009/2010 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SC001895/2009 DATA DE REGISTRO NO MTE: 21/10/2009 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR049719/2009 NÚMERO DO PROCESSO: 46301.001525/2009-15 DATA DO

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 01/MAIO/2014 até 30/04/2015

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 01/MAIO/2014 até 30/04/2015 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 01/MAIO/2014 até 30/04/2015 Celebram o presente Acordo Coletivo de Trabalho, o SINDICATO DOS SERVIDORES E EMPREGADOS DOS CONSELHOS E ORDENS DE FISCALIZAÇÃO DO EXERCÍCIO PROFISSIONAL

Leia mais

Salários, Reajustes e Pagamento

Salários, Reajustes e Pagamento TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR071972/2014 DATA E HORÁRIO DA TRANSMISSÃO: 02/12/2014 ÀS 14:30 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 46254.001157/2014-85

Leia mais

Parágrafo Único - autorizando a compensação de reajustes espontâneos concedidos no período de 01/05/2015 a 30/04/2016.

Parágrafo Único - autorizando a compensação de reajustes espontâneos concedidos no período de 01/05/2015 a 30/04/2016. Acordo Coletivo de Trabalho com vigência entre 01/05/2016 A 30/04/2017, que entre si fazem o Sindicato dos Auxiliares de Administração Escolar do Estado do Rio de Janeiro, com sede à Rua dos Andradas,

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2014/2015 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SC002549/2014 DATA DE REGISTRO NO MTE: 15/10/2014 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR066775/2014 NÚMERO DO PROCESSO: 46220.006576/2014-09 DATA

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SP005419/2013 DATA DE REGISTRO NO MTE: 24/05/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR023966/2013 NÚMERO DO PROCESSO: 46254.002353/2013-96

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO (Período de 1º de setembro de 2008 e término em 31 de agosto de 2009)

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO (Período de 1º de setembro de 2008 e término em 31 de agosto de 2009) CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO (Período de 1º de setembro de 2008 e término em 31 de agosto de 2009) SUSCITANTE: SUSCITADO: SINDICATO DOS BIOMÉDICOS PROFISSIONAIS DO ESTADO DE SÃO PAULO, entidade sindical

Leia mais

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO Página 1 de 6 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: MG001897/2011 DATA DE REGISTRO NO MTE: 13/05/2011 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR019661/2011 NÚMERO DO PROCESSO: 46211.004032/2011-61

Leia mais

CLÁUSULA QUARTA - REAJUSTE SALARIAL Os salários dos integrantes da categoria profissional serão reajustados em 8% (oito por cento) a partir de 1º de o

CLÁUSULA QUARTA - REAJUSTE SALARIAL Os salários dos integrantes da categoria profissional serão reajustados em 8% (oito por cento) a partir de 1º de o ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SC000642/2012 DATA DE REGISTRO NO MTE: 09/04/2012 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR015901/2012 NÚMERO DO PROCESSO: 47620.000229/2012-52 DATA DO

Leia mais

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO PISO SALARIAL

SALÁRIOS, REAJUSTES E PAGAMENTO PISO SALARIAL ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2013/2014 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RJ002121/2013 DATA DE REGISTRO NO MTE: 07/10/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR027156/2013 NÚMERO DO PROCESSO: 46666.002344/2013-53 DATA DO

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017 DOMINGOS E FERIADOS

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017 DOMINGOS E FERIADOS CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR060832/2016 Protocolo 46218-015424/2016-03 DOMINGOS E FERIADOS SINDICATO DOS EMPREGADOS NO COMERCIO DE NOVO HAMBURGO, CNPJ n. 91.695.288/0001-11,

Leia mais

CCT - CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO

CCT - CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO CCT - CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO DO ESTADO DO ESPÍRITO SANTO e FENATRACOOP - FEDERAÇÃO NACIONAL DOS TRABALHADORES CELETISTAS NAS COOPERATIVAS NO BRASIL 01.11.2010 a 31.05.2011 CCT - CONVENÇÃO COLETIVA

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço

Confira a autenticidade no endereço TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: PR000062/2014 DATA DE REGISTRO NO MTE: 13/01/2014 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR073771/2013 NÚMERO DO PROCESSO: 46212.000204/2014-60

Leia mais

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017

CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2016/2017 O Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Panificação e Confeitaria, de Massas Alimentícias, Biscoitos, Trigo, Milho, Mandioca de Juiz de Fora e o Sindicato

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2016/2017. Confira a autenticidade no endereço

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2016/2017. Confira a autenticidade no endereço ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2016/2017 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: PR004823/2016 DATA DE REGISTRO NO MTE: 16/11/2016 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR077284/2016 NÚMERO DO PROCESSO: 46212.023082/2016-41 DATA DO

Leia mais

Convenção Coletiva em EMPRESAS DE LAVANDERIAS E SIMILARES

Convenção Coletiva em EMPRESAS DE LAVANDERIAS E SIMILARES Convenção Coletiva em EMPRESAS DE LAVANDERIAS E SIMILARES PRESIDENTE: SERGIO PARANHOS 2015/2016 CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2015/2016 SIND DOS EMP EM TURISMO E HOSP DE SAO JOSE DO RIO PRETO, CNPJ n.

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: /

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: / TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR028158/2011 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL:46254.001823/2010-51 DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA

Leia mais

Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação de Teresópolis, Guapimirim e Magé

Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação de Teresópolis, Guapimirim e Magé Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação de Teresópolis, Guapimirim e Magé Fundado em 01 de março de 1996 Entidade reconhecida no Arquivo de Entidades Sindicais do MTE sob o nº 46000-006947/96

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2011/2012 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR028158/2011 NÚMERO DO PROCESSO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: DATA DE REGISTRO DA CONVENÇÃO COLETIVA PRINCIPAL: 46254.001823/2010-51

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2015/2016 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SP000765/2016 DATA DE REGISTRO NO MTE: 20/01/2016 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR049835/2015 NÚMERO DO PROCESSO: 46255.002999/2015-25 DATA DO

Leia mais

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2013/2014

ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2013/2014 ACORDO COLETIVO DE TRABALHO 2013/2014 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SC002704/2013 DATA DE REGISTRO NO MTE: 01/11/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR064725/2013 NÚMERO DO PROCESSO: 46220.006123/2013-93 DATA DO

Leia mais

Confira a autenticidade no endereço

Confira a autenticidade no endereço CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2009/2010 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: RS001017/2009 DATA DE REGISTRO NO MTE: 02/09/2009 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR037177/2009 NÚMERO DO PROCESSO: 46218.011895/2009-18 DATA

Leia mais

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014

TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 TERMO ADITIVO A CONVENÇÃO COLETIVA DE TRABALHO 2013/2014 NÚMERO DE REGISTRO NO MTE: SP005667/2013 DATA DE REGISTRO NO MTE: 05/06/2013 NÚMERO DA SOLICITAÇÃO: MR026168/2013 NÚMERO DO PROCESSO: 46256.002704/2013-49

Leia mais