RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA"

Transcrição

1 RECIBO Recebi do(a) Pregoeiro(a) o edital e seus anexos referentes ao Pregão Eletrônico n 81/2010, cujo objeto consiste na contratação de pessoa jurídica especializada para prestação de serviços terceirizados de manutenção predial necessários à conservação e manutenção do patrimônio da Fundação Joaquim Nabuco, pelo prazo de 12 (doze meses) meses, tudo em rigorosa conformidade com as condições, descrições e demais elementos constantes deste Edital e seus Anexos, partes integrantes do presente edital, com sessão de abertura no dia 2 de dezembro de 2010, às 11h. FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL RAZÃO SOCIAL: ENDEREÇO: TELEFONE: CNPJ FAX: (Local e data), / /2010 ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA OBSERVAÇÕES: Os licitantes que retirarem o edital via Internet deverão preencher esta folha e encaminhar para o Fax (81) A não remessa deste recibo exime a Comissão da comunicação de eventuais retificações ocorridas no instrumento convocatório, bem como de quaisquer informações adicionais.

2 PREGÃO ELETRÔNICO N.º 81/2010 PROCESSO Nº 140/2010 A FUNDAÇÃO JOAQUIM NABUCO, por meio de sua Pregoeira, designada pela Portaria PRESI/FUNDAJ n.º 78 de 3 de maio de 2010, publicada em Boletim Interno, torna público que fará realizar licitação, na modalidade PREGÃO ELETRÔNICO, tipo MENOR PREÇO POR LOTE, que será regido pela Lei nº de 17 de julho de 2002, publicada no Diário Oficial da União de 18 de julho de 2002, pelo Decreto n.º 3.555, de 08 de agosto de 2000, pelo Decreto nº 5.450, de 31 de maio de 2005, da Lei Complementar nº 123, de 14 de dezembro de 2006, Decreto nº de 05 de setembro de 2007 e demais legislação correlata, aplicando-se subsidiariamente, a Lei n.º 8.666, de 21 de junho de 1993, e, ainda pelas disposições estabelecidas neste Edital, devendo a proposta de preços ser encaminhada exclusivamente por meio do sistema eletrônico, a partir da data de liberação do edital no sítio Comprasnet, que ocorrerá simultaneamente à publicação do aviso licitatório no Diário Oficial da União, até o horário limite do início da sessão pública que será às 11h, horário de Brasília, no dia 2 de dezembro de 2010, no sítio 1. OBJETO DA LICITAÇÃO 1.1. Constitui objeto do presente Pregão Eletrônico a contratação de pessoa jurídica especializada para prestação de serviços terceirizados de manutenção predial necessários à conservação e manutenção do patrimônio da Fundação Joaquim Nabuco, pelo prazo de 12 (doze meses) meses, tudo em rigorosa conformidade com as condições, descrições e demais elementos constantes deste Edital e seus Anexos I (Termo de Referência), II (Modelo da Proposta) III (modelo da planilha de custos e formação de preços) e IV (Minuta Contratual), partes integrantes e complementares do presente edital É vedada a subcontratação total ou parcial do objeto licitado, a associação do contratado com outrem, a cessão ou transferência, total ou parcial, bem como a fusão, cisão ou incorporação para a confecção do objeto. 2. CONDIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO 2.1. Para participar da licitação a empresa interessada deverá satisfazer às condições expressas no presente Edital, em seus anexos e na legislação específica que rege a matéria; 2.2. A empresa participante deverá estar credenciada perante o sítio nos termos do item 3; As empresas que tiverem interesse em participar deste Pregão deverão credenciar-se no Sistema de Cadastramento Unificado de Fornecedores SICAF, conforme o disposto no Art. 13, inciso I do Decreto Nº 5450/2005; 2

3 As informações para cadastramento no SICAF estão disponíveis no sítio Não será admitida a participação de empresa: que esteja sob processo de falência, concordata, recuperação judicial ou extrajudicial, dissolução ou liquidação; temporariamente suspensa pela FUNDAJ de participar de licitação ou que tendo sido declarada inidônea por qualquer Órgão ou entidade da Administração Pública, ainda que não tenha logrado reabilitação (cf. Decisão nº 52/00 TCU Plenário, D.O.U. de ); reunida em consórcio; que não tenha sede no País; 2.4. Fica vedada a participação simultânea de empresas cuja formação societária contenha um ou mais sócios concomitantes É vedado que familiar de agente público da FUNDAJ que exerça cargo em comissão ou função de confiança preste serviços através do contrato fruto deste certame A licitante deverá manifestar em campo próprio do sistema eletrônico, o pleno conhecimento e atendimento às exigências de habilitação previstas neste edital, sob as penas da lei. 3. OPÇÃO PELO TRATAMENTO DIFERENCIADO E FAVORECIDO INSTITUÍDO PELA LEI COMPLEMENTAR Nº 123/ As licitantes que optarem pelo tratamento diferenciado e favorecido instituído na Lei Complementar nº 123/2006, de 14 de dezembro de 2006, deverão no ato de envio de sua proposta, em campo próprio do sistema Comprasnet declarar, sob as penas da lei, que cumprem os requisitos estabelecidos no art. 3 o. e estão aptas a usufruir do tratamento favorecido estabelecido nos arts. 42 ao 49 da referida lei. 4. CREDENCIAMENTO 4.1. O credenciamento dar-se-á pela atribuição de chave de identificação e de senha, pessoal e intransferível, para acesso ao sistema eletrônico no sítio (art. 3º, 1º, do Decreto nº 5.450/2005); 4.2. As licitantes ou seus representantes legais deverão estar previamente credenciados junto ao Órgão provedor antes da data de realização do Pregão (art. 13 do Decreto nº 5.450/2005); 4.3. O credenciamento da licitante dependerá de habilitação parcial atualizada no Sistema de Cadastramento Unificado de Fornecedores - SICAF, que também será requisito obrigatório para fins de habilitação (art. 3º, 2º, do Decreto nº 5.450/2005); 3

4 4.4. O credenciamento junto ao provedor do sistema, implica na responsabilidade legal da licitante ou de seu representante legal e a presunção de sua capacidade técnica para a realização das transações inerentes ao Pregão Eletrônico (art. 3º, 6º, do Decreto nº 5.450/2005); 4.5. O uso da senha de acesso pela licitante é de sua responsabilidade exclusiva, incluindo qualquer transação efetuada diretamente ou por seu representante, não cabendo ao provedor do sistema ou à FUNDAJ, promotora da licitação, responsabilidade por eventuais danos decorrentes do uso indevido da senha, ainda que por terceiros (art. 3º, 5º, do Decreto nº 5.450/2005). 5. ENVIO DA PROPOSTA DE PREÇOS 5.1. A licitante será responsável por todas as transações que forem efetuadas em seu nome no sistema eletrônico, assumindo como firmes e verdadeiras sua proposta e lances (art. 13, inciso III do Decreto nº 5.450/2005); 5.2. Incumbirá à licitante acompanhar as operações no sistema eletrônico durante a sessão pública do Pregão, ficando responsável pelo ônus decorrente da perda de negócios diante da inobservância de quaisquer mensagens emitidas pelo sistema ou de sua desconexão; 5.3. A participação no Pregão dar-se-á por meio da digitação da senha privativa da licitante e subseqüente encaminhamento da proposta de preços com o valor por lote em campo próprio, exclusivamente por meio do sistema eletrônico, a partir da data de liberação do edital no sítio Comprasnet, que ocorrerá simultaneamente à publicação do aviso licitatório no Diário Oficial da União, até o horário limite de início da sessão pública acima estabelecido; 5.4. A proposta de preços formulada e enviada em formulário específico, exclusivamente por meio do Sistema eletrônico, conterá os dados solicitados pelo Sistema, sob pena de desclassificação; 5.5. Encerrada a etapa de lances, deverá ser enviada, conforme subitem 7.3.7, proposta de preços firmada pelo representante legal, adequada ao lance eventualmente ofertado negociado, conforme o modelo do Anexo II, deste Edital, contendo os seguintes dados abaixo: a) item; b) objeto/especificação; c) forma de apresentação; d) valor dos serviços em moeda corrente nacional, em algarismos, com duas casas decimais; e) prazo de validade da proposta não inferior a 60 (sessenta) dias, a contar da abertura deste Pregão; f) prazo para início do serviço de manutenção predial, a partir da data de assinatura do instrumento contratual; g) Declaração de que formulou nos custos da proposta: 1) os tributos (impostos, taxas, contribuições); 2) seguros; 3) os encargos sociais, fiscais e comerciais, previdenciários e trabalhistas incidentes; 4) transporte, alimentação e outros que incidam ou venham a incidir sobre o preço a ser ofertado; h) Os serviços deverão ser executados nos locais indicados no Termo de Referência (Anexo I) do edital; i) Declaração, por escrito, da não incidência de reajuste sobre o preço ofertado; 4

5 Apresentar Memória de Cálculo Detalhada das Planilhas de Custos e Formação de Preços para cada categoria de profissional, incluindo o embasamento legal para os valores ali determinados, sob pena de desclassificação Completa identificação, quantificação e qualificação da proposta, de acordo com o objeto deste Pregão; 5.6. O envio da proposta eletrônica implicará em plena aceitação, por parte da proponente, das condições estabelecidas neste Edital e em seus anexos; 5.7. Deverá a licitante indicar os dados do representante legal que assinará o Contrato decorrente desta licitação, bem como os dados bancários da mesma. 6. FORMULAÇÃO DOS LANCES 6.1. Iniciada a etapa competitiva, as licitantes poderão encaminhar lances do preço por lote, exclusivamente por meio do sistema eletrônico, sendo a licitante imediatamente informada do recebimento e respectivos horário de registro e valor; 6.2. As licitantes poderão oferecer lances sucessivos, observado o horário fixado e as regras de aceitação dos mesmos; 6.3. Durante o transcurso da sessão pública, as licitantes serão informadas, em tempo real, do valor do menor lance registrado que tenha sido apresentado pelas demais licitantes, vedada a identificação da detentora do lance Para a exclusão de lance pela Pregoeira o item fica suspenso; reaberto, podem ser renovados lances inclusive pelo licitante que teve seu lance excluído; 6.5. A etapa de lances da sessão pública será encerrada mediante aviso de fechamento iminente dos lances, emitido pelo sistema eletrônico aos licitantes, após o que transcorrerá período de tempo de até 30 (trinta) minutos, aleatoriamente determinado também pelo sistema eletrônico, findo o qual será automaticamente encerrada a recepção de lances (artigo 24, 7º, do Decreto nº n 5.450/2005); 6.6. A Pregoeira poderá encaminhar contraproposta diretamente à licitante que tenha apresentado o lance de menor valor, para que seja obtido preço melhor, bem como assim decidir sobre sua aceitação; 6.7. Para fins de aplicação das penalidades previstas neste Edital, o lance é considerado proposta. 7. DA ACEITABILIDADE E JULGAMENTO DAS PROPOSTAS DE PREÇOS 7.1. Antes de abrir a sessão para lances, a Pregoeira promoverá o exame das propostas iniciais de preços apresentadas por meio eletrônico, como determina o artigo 22, 2 o. do Decreto nº e artigo 3º, inciso IV da Lei /2002; 5

6 As Licitantes desclassificadas não poderão ofertar lances, sendo excluídas do certame Encerrada a sessão pública de lances, a Pregoeira efetuará o julgamento das Propostas de Preços, pelo critério de menor preço por lote, decidindo sobre a aceitação dos preços obtidos; As planilhas de custos e formação de preços serão analisadas pelo Coordenador Contábil da Diretoria de Planejamento e Administração da FUNDAJ; 7.3. Havendo proposta de licitante qualificado como microempresas e empresas de pequeno porte de valor igual ou até 5% (cinco por cento) superior à proposta detentora do melhor lance ou valor negociado, será assegurada preferência de contratação, respeitado o seguinte: A microempresa ou empresa de pequeno porte mais bem classificada poderá apresentar proposta de preço inferior àquela detentora do melhor lance ou valor negociado, situação em que será adjudicado em seu favor o objeto deste Pregão; Não ocorrendo a contratação da microempresa ou empresa de pequeno porte, na forma do subitem anterior, serão convocadas as licitantes remanescentes que porventura se enquadrem na hipótese desta Condição, na ordem classificatória, para o exercício do mesmo direito; No caso de equivalência dos valores apresentados pelas microempresas e empresas de pequeno porte que se encontrem nos intervalos estabelecidos nesta Condição, será realizado sorteio entre elas para que se identifique aquela que primeiro poderá apresentar melhor oferta; A microempresa ou empresa de pequeno porte mais bem classificada será convocada para apresentar nova proposta no prazo máximo de 5 (cinco) minutos após a solicitação do Pregoeiro, sob pena de preclusão; Na hipótese da não-contratação nos termos previstos nesta Condição, o objeto será adjudicado em favor da proposta originalmente vencedora do certame; O disposto nesta Condição somente se aplicará quando a melhor oferta inicial não tiver sido apresentada por microempresa ou empresa de pequeno porte; A licitante detentora da melhor oferta devidamente habilitada e classificada em primeiro lugar pela pregoeira, enviará, no prazo máximo de 120 (cento e vinte) minutos, através do fax (81) ou do a proposta de preços e, ainda, após a convocação da Pregoeira, no prazo máximo de 48 (quarenta e oito horas) os originais da proposta de preços adequada ao lance ofertado/negociado, observando o contido no subitem 5.5, e a documentação objeto do item 8, que deverão ser encaminhadas para a - CPL, da FUNDAJ, à Av. 17 de agosto nº 2187, Edf. Paulo Guerra 2º andar, Casa Forte, Recife/PE, fone: (81) , tudo isto sob pena de desclassificação; A Pregoeira anunciará a licitante vencedora após a negociação, quando for o caso, e decisão acerca da aceitação do lance de menor valor; 6

7 Encerrada a etapa de lances/negociação, da sessão pública, pelo sistema eletrônico a pregoeira examinará a proposta classificada em primeiro lugar quanto à habilitação Se a proposta ou o lance de menor valor, não for aceitável, ou se a licitante desatender às exigências habilitatórias, a Pregoeira examinará a proposta ou o lance subseqüente, verificando a sua aceitabilidade e procedendo a sua habilitação, na ordem de classificação, e assim sucessivamente, até a apuração de uma proposta ou lance que atenda ao Edital (art. 25 do Decreto nº 5.450/2005); Ocorrendo a situação a que se refere o subitem anterior, a Pregoeira poderá negociar com a licitante para que seja obtido preço melhor (art. 25º, 5 o. do Decreto nº 5.450/2005); Serão desclassificadas as propostas que não atenderem às exigências do presente Edital e em seus anexos, sejam omissas ou apresentem irregularidades insanáveis. 8. HABILITAÇÃO 8.1. Encerrada a etapa de lances da sessão pública e após a análise e julgamento das Propostas de Preços, a Pregoeira realizará consulta on line ao Sistema de Cadastramento Unificado de Fornecedores - SICAF a fim de verificar se a vencedora apresenta-se parcialmente habilitada, com toda a documentação dentro da validade, e inscrita na linha de fornecimento pertinente ao objeto licitado; 8.2. Declarações eletrônicas, através do portal Comprasnet: a) de que conhece e concorda com as condições estabelecidas no edital e que atende aos requisitos da habilitação; b) de que não possui em seu quadro de pessoal (empregados) menores, em cumprimento ao disposto no inciso XXXIII do art. 7º da CF/88; c) de inexistência de fatos supervenientes impeditivos a sua habilitação na licitação; d) que se enquadra na categoria de microempresa ou empresa de pequeno porte ou cooperativa, se for o caso; e) Declaração de elaboração Independente de Proposta; 8.3. Além das declarações eletrônicas, a licitante detentora da melhor oferta deverá enviar, em 120 (cento e vinte) minutos, a documentação de habilitação constante deste subitem. O envio deverá ser através do fax (81) ou do (preferencialmente na extensão pdf), somente sendo considerado válido a partir da confirmação de seu recebimento pela FUNDAJ dentro do mesmo prazo; Certidão negativa de falência ou concordata, expedida pelo distribuidor da sede da pessoa jurídica que esteja dentro do prazo de validade expresso na própria certidão. Caso a certidão não contenha prazo de validade, será considerada válida para o certame aquela emitida até 90 (noventa) dias antes da data estipulada para abertura dos envelopes; Registro comercial, no caso de empresa individual, ou; 7

8 Ato constitutivo, estatuto ou contrato social em vigor, devidamente registrado, para as sociedades comerciais, e, no caso de sociedades por ações, acompanhado dos documentos comprobatórios de eleição de seus administradores, ou; Inscrição do ato constitutivo, no caso de sociedades civis, acompanhada de prova da diretoria em exercício, ou; Decreto de autorização ou ato de registro ou autorização para funcionamento expedida pelo órgão competente, em se tratando de empresa ou sociedade estrangeira em funcionamento no País; Apresentar comprovação de aptidão para desempenho de atividade pertinente e compatível em características com o objeto da licitação ou de complexidade superior, mediante certidão(ões) ou atestado(s), emitido(s) por pessoa(s) jurídica(s) de direito público ou privado, de acordo com o AnexoI Apresentar documento comprobatório da condição de microempresa ou empresa de pequeno porte, mediante certidão expedida pela Junta Comercial, nos termos do que prescreve o art. 8º da Instrução Normativa nº 103, de 30 de abril de 2007, do Diretor do Departamento Nacional de Registro do Comércio DNRC (apenas para empresário ou sociedade enquadrado como ME ou EPP); Apresentar de Certidão de Registro e Quitação, emitido pelo CREA-Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia CREA para o ano corrente; 8.4. Não serão aceitos ou considerados os documentos: a) por cópia não autenticada; b) não solicitados As cópias dos documentos poderão ser autenticadas por qualquer membro da Comissão Permanente de Licitação da FUNDAJ, mediante a apresentação dos originais; 8.6. As licitantes são responsáveis pela fidelidade e legitimidade das informações e dos documentos apresentados em qualquer fase da licitação; 8.7. A apresentação de declaração falsa relativa ao cumprimento dos requisitos de habilitação sujeitará a licitante às sanções previstas no art. 28 do Decreto nº 5.450/2005; 8.8. Serão inabilitadas as empresas que não atenderem às exigências do subitem 8.1, 8.2 e RECURSOS ADMINISTRATIVOS 9.1. A intenção de interpor recurso pela licitante deverá ser registrada exclusivamente por meio eletrônico, em formulário próprio, explicitando sucintamente suas razões, imediatamente após a habilitação das propostas; 8

9 9.2. A licitante dispõe do prazo de 3 (três) dias úteis para apresentação das razões recursais, no Sistema, que serão disponibilizadas às demais licitantes, tão logo seja encaminhado à Pregoeira; 9.3. As demais licitantes poderão impugnar o(s) recurso(s) interposto(s) em até 3 (três) dias úteis, no Sistema eletrônico, contados a partir do término do prazo da recorrente; 9.4. A decisão da Pregoeira pelo indeferimento do recurso deverá ser motivada e submetida à apreciação do Diretor de Planejamento e Administração; 9.5. O acolhimento do(s) recurso(s) implica tão somente a invalidação dos atos que não sejam passíveis de aproveitamento; 9.6. A falta de manifestação imediata e motivada da licitante importará a decadência do direito de recurso e adjudicação do objeto pela Pregoeira à vencedora; 9.7. Os autos do processo permanecerão com vista franqueada as interessadas na sala da Comissão Permanente de Licitação-CPL da FUNDAJ, Edf. Paulo Guerra, 2º andar, Av. 17 de agosto nº2187, Casa Forte, Recife/PE, CEP: , fone: (81) DA DESPESA As despesas decorrentes da contratação dos serviços objeto do presente PREGÃO, correrão à conta da seguinte Programação Orçamentária: Programas de Trabalho: ; Plano Interno: A6289N01CSN; Fonte de Recursos: 100; Elemento de Despesa: CONTRATO A FUNDAJ convidará por carta a adjudicatária, a assinar o contrato, dentro do prazo de 5 (cinco) dias corridos, a contar do recebimento da convocação A contratada deve, no ato de assinatura do contrato, prestar garantia contratual correspondente a 5% (cinco por cento) do valor total do contrato, numa das modalidades de garantia facultadas pelo art. 56, 1º, da Lei nº 8.666/93, que ficará retida até 2 (dois) meses após o encerramento do contrato, conforme art. 35 da Instrução Normativa Nº 04/2009, podendo ainda utilizá-la para o pagamento direto aos trabalhadores no caso da empresa não efetuar os pagamentos A recusa injustificada da(s) adjudicatária(s) em assinar o termo contratual, dentro do prazo estabelecido pela FUNDAJ caracteriza o descumprimento total da obrigação assumida, será convocada outra licitante, observada a ordem de classificação para fazê-lo em igual prazo, sujeitando a licitante desistente à penalidade prevista no Art. 28 do Decreto Nº 5450/ GESTÃO E FISCALIZAÇÃO DO CONTRATO 9

10 12.1. A gestão do Contrato, compreendendo o acompanhamento e fiscalização de sua execução, será exercida pelo Coordenador de Controle Patrimonial da Coordenação Geral de Recursos Logísticos da Diretoria de Planejamento e Administração da FUNDAJ. 13. RECEBIMENTO DO OBJETO DA LICITAÇÃO Assinado o instrumento contratual, a CONTRATADA providenciará o serviço de manutenção predial, dentro do prazo estipulado no Anexo I deste edital. 14. CONDIÇÕES DE PAGAMENTO O pagamento do objeto deste Pregão, será feito mediante a apresentação da Nota Fiscal/Faturas discriminativas que deverão ser pagas pela FUNDAJ no prazo máximo de 10 (dez) dias úteis, após o visto do gestor do contrato designado no Termo de Referência (Anexo I), atestando que o serviço de manutenção predial foi executado em perfeita conformidade com as cláusulas e condições contratuais e à vista do Termo de Referência e demais elementos constantes deste Edital. 15. PENALIDADES ADMINISTRATIVAS Além das penalidades estabelecidas, a licitante que ensejar o retardamento da execução do certame, não mantiver a proposta de preços, falhar ou fraudar na execução do Contrato, comportar-se de modo inidôneo, fizer declaração falsa ou cometer fraude fiscal, garantido o direito prévio da citação e da ampla defesa, ficará impedida de licitar e contratar com a União pelo prazo de até 5 (cinco) anos, enquanto perdurarem os motivos determinantes da punição ou até que seja promovida a reabilitação perante a própria autoridade que aplicou a penalidade (artigo 28 do Decreto nº 5.450/2005); Pelo atraso, erro de execução, execução imperfeita, inexecução total ou parcial das obrigações, ou o descumprimento de qualquer cláusula ou condição contratual, a FUNDAJ poderá, garantida prévia defesa, aplicar à contratada, conforme o caso, as seguintes sanções: I Advertência; II Multa na forma estabelecida no subitem 15.3; III Suspensão temporária de participar de processos licitatórios e impedimento de contratar com a União, com o conseqüente descredenciamento no SICAF, por um prazo não superior a 5 (cinco) anos; IV Declaração de inidoneidade para licitar e/ou contratar com a Administração Pública enquanto perdurarem os motivos da punição ou até que seja promovida a reabilitação perante a própria Autoridade que aplicou a penalidade Será aplicada multa por: I Atraso na execução do serviço: 0,2% (zero vírgula dois por cento) sobre o valor global do Contrato, por dia, durante os primeiros dez dias, e 0,3% (zero vírgula três por cento) para cada dia subseqüente; II Descumprimento de qualquer outra condição ajustada: 20% (vinte por cento) sobre o valor global do Contrato; 10

11 15.4. No caso de não recolhimento do valor da multa dentro de 5 (cinco) dias úteis a contar da data da intimação para o pagamento, a importância será descontada automaticamente, ou ajuizada a dívida, consoante o 3º do art. 86 e 1º do art. 87 da Lei nº 8.666/93, acrescida de juros moratórios de 1% (um por cento) ao mês; As penalidades previstas nos incisos I, III e IV do subitem 15.2 poderão ser aplicadas juntamente com a prevista no inciso II do mesmo subitem, facultada a defesa prévia da(s) CONTRATADA(S), com regular processo administrativo, no prazo de cinco dias úteis, a contar da notificação; Os atos administrativos de aplicação das sanções serão publicados resumidamente no Diário Oficial da União; As penalidades serão obrigatoriamente registradas no SICAF, e no caso de suspensão de licitar, a licitante deverá ser descredenciada por igual período, sem prejuízo da multa aqui prevista e das demais cominações legais. 16. DISPOSIÇÕES FINAIS À FUNDAJ cabe o direito de revogar a licitação por interesse público derivado de fato superveniente devidamente comprovado, pertinente e suficiente para justificar tal conduta, devendo anulá-la por ilegalidade, de ofício ou por provocação de terceiros, mediante ato escrito e fundamentado, conforme disposto no art. 29 do Decreto nº 5450/2005; A sessão pública deste Pregão poderá ser suspensa a qualquer momento a critério da Pregoeira por motivo a ser registrado no sistema eletrônico; No caso de suspensão da sessão pública, a Pregoeira informará o dia e o horário em que reabrirá a sessão no sítio Comprasnet visando ao prosseguimento das etapas subseqüentes. A não conexão do licitante nas sessões virtuais subseqüentes, na data e horário determinados quando da suspensão da sessão anterior, não ensejará reclamações, não obstará o prosseguimento dos trabalhos da Pregoeira, nem repercutirá sobre as decisões que este proferir Não serão aceitos protocolos de entrega, solicitação de documento, ou formulários obtidos via Internet em substituição aos documentos exigidos no subitem 7.2; No caso de eventual divergência entre este Edital e seus anexos, prevalecerão as disposições do primeiro; Qualquer pedido de esclarecimento em relação a eventuais dúvidas na interpretação deste Edital e de seus anexos, deverá ser enviado à Pregoeira, da Fundação Joaquim Nabuco, até 3 (três) dias úteis anteriores à data fixada para abertura da sessão pública, exclusivamente por meio eletrônico via internet, no endereço indicado no edital.(art.19 do Decreto nº /2005); As normas que disciplinam este Edital serão sempre interpretadas em favor da ampliação da disputa entre os interessados, desde que não comprometa o interesse da Administração, o principio de 11

12 isonomia, a finalidade e a segurança da contratação (Art. 5º, Parágrafo Único, do Decreto nº 5.450/2005); Cabe à Pregoeira decidir as questões resultantes dos procedimentos da licitação, competindo-lhe inclusive a interpretação deste Edital; Cópias deste Edital: ou na - CPL da Fundação Joaquim Nabuco, Edf. Paulo Guerra, 2º andar, Av. 17 de agosto nº 2187, Casa Forte, Recife/PE; Os interessados podem acompanhar a tramitação do processo referente à presente licitação no sítio As publicações referentes aos eventos licitatórios podem ser obtidas nos sítios (Imprensa Nacional DOU Seção III) e/ou Para dirimir quaisquer esclarecimentos técnicos, enviar mensagem eletrônica para o Integram este instrumento: Anexo I Termo de Referência; Anexo II Modelo de Proposta; Anexo III - modelo da planilha de custos e formação de preços Anexo IV - Minuta Contratual. Recife, 16 de novembro de 2010 Cláudia Braga Pregoeira 12

13 ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS PARA EXECUÇÃO DAS ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO PREDIAL 1. OBJETIVO O presente Projeto Básico tem por objetivo definir o conjunto de elementos técnicos que deverão nortear a execução dos procedimentos administrativos, para contratação de pessoa jurídica especializada na prestação de serviços nas atividades de manutenção predial, para a FUNDAJ considerando estes serviços necessários à manutenção do patrimônio da FUNDAÇÃO JOAQUIM NABUCO. 1.1 A Contratação será realizada, considerando o critério de remuneração por posto de trabalho. 1.2 A equipe deverá ser composta por 15 (quinze) postos de serviço, conforme quadro demonstrativo, consolidado abaixo: LOTE 1 SERVIÇO FUNÇÃO PERIODO QUANTIDADE DE CONTRATUAL POSTOS Manutenção Predial Técnico em Telefonia 01 (um) ano 01 (um) LOTE 2 SERVIÇO FUNÇÃO PERIODO CONTRATUAL QUANTIDADE DE POSTOS Manutenção Predial Eletricista 01 (um) ano 03 (três) Manutenção Predial Encanador 01 (um) ano 01 (um) Manutenção Predial Pedreiro 01 (um) ano 02 (dois) Manutenção Predial Marceneiro 01 (um) ano 03 (três) Manutenção Predial Pintor 01 (um) ano 03 (três) Manutenção Predial Servente de Pedreiro 01 (um) ano 01 (um) Manutenção Predial Supervisor Responsável 01 (um) ano 01 (um) 1.3. Deverão ser seguidas -- no que for pertinente -- os Acordos ou Dissídios ou Convenções Coletivas de cada categoria específica. 2. VIGÊNCIA 13

14 O prazo da contratação será de 12(doze) meses, a contar da data da assinatura do contrato, podendo ser prorrogado, caso haja interesse das partes, por iguais e sucessivos períodos, limitando sua duração a 60(sessenta) meses, nos termos do Art. 57, Inc.II da lei 8666/93, atualizada. 2.1 DO FUNDAMENTO LEGAL A contratação de pessoa jurídica para a execução das atividades descritas encontra amparo legal no Decreto n.º 2.271, de 7 de julho de 1997, e o processo licitatório deverá observar as normas e procedimentos administrativos da Lei n.º 8.666, de 21 de junho de 1993, e suas alterações, bem como a legislação pertinente ao pregão e as instruções normativas do MPOG em vigor. 3. JUSTIFICATIVA O grande desafio na administração pública moderna é assegurar os direitos de cidadania aos usuários de serviços de responsabilidade do Estado. Neste contexto, a disponibilização de informações sobre o acesso aos serviços públicos vem se constituindo em uma estratégia gerencial para maior efetividade na execução de políticas públicas. A despeito da importância deste fato, a administração da FUNDAJ tem procurado mudar o panorama do seu atendimento com criatividade e implantação de medidas de racionalização e, modernização administrativa que tem corrigido diversas distorções. Assim, a autorização, mediante o Decreto n.º 2.271, de 7 de julho de 1997, de terceirização de atividades instrumentais e complementares, constitui-se em uma alternativa indispensável para a melhoria da gestão das ações da FUNDAJ. Devido à falta de infra-estrutura nas áreas descritas no item 1.1 deste Anexo I, vem comprometendo a manutenção do patrimônio, bem como, a eficiência e eficácia dos próprios servidores da FUNDAJ, com queda significativa dos níveis de produtividade no desenvolvimento das atividades finalísticas e, devido ao aumento da demanda dos diversos departamentos da FUNDAJ com sucessivas solicitações de manutenção predial. É importante ressaltar, finalmente, que a impossibilidade de contratação de pessoal, para o quadro da Administração Pública Federal, para a execução dos serviços supracitados, decorre da edição da Lei n.º 9.632, de 7 de maio de 1998, que extinguiu os cargos vagos para estas categorias, declarando em extinção os cargos então ocupados. Espera-se, assim, com a terceirização dos serviços dotar a Fundação Joaquim Nabuco dos recursos instrumentais e complementares necessários para o cumprimento de sua missão institucional, além do acesso às informações essenciais na área do trabalho. 4. ESTUDO DA DEMANDA DOS SERVIÇOS 4.1 Manutenção Predial (ELETRICISTA) O estudo da demanda dos serviços de manutenção predial (eletricista) a serem contratados para a execução das atividades consistirá especificamente, em: Instalação de redes elétricas de baixa tensão; 14

15 Substituição de lâmpadas fluorescentes e incandescentes; Instalação elétrica de microcomputadores; Instalação de moto-bomba; Instalação de luminárias para lâmpadas fluorescentes; Instalação de quadros elétricos de baixa tensão; Instalação de circuitos elétricos em geral O serviço será desempenhado nas áreas dos diversos Campi da FUNDAJ, e, a carga horária, será de 44 (quarenta e quatro) horas semanais Os serviços serão desempenhados nos seguintes locais: -Campus Sede, situado à Avenida 17 de agosto, 2187, Casa Forte, Recife/PE; -Campus Anísio Teixeira, situado à Rua Dois Irmãos, 92, Apipucos, Recife/PE; -Edifício Ulysses Pernambucano, situado à Rua Henrique Dias, 609, Derby, Recife/PE; -Engenho Massangana, situado na PE-60 Km 10 Cabo de Santo Agostinho, Recife-PE O funcionário deverá estar devidamente uniformizado e com os equipamentos de proteção individual que se fizerem necessários. Total de Postos de Serviço = 03 (três) 4.2 Manutenção Predial (ENCANADOR) O estudo da demanda dos serviços de manutenção predial (encanador) a serem contratados para a execução das atividades consistirá especificamente, em: Verificar o estado geral das bombas e dos seus componentes (ruídos, sobre aquecimento, vazamento, e vibração); Limpeza nas bombas d água; Lubrificar buchas e gaxetas; Verificar alinhamento de eixo das bombas d água; Verificar funcionamento dos automáticos de bóia; Limpeza das caixas de gordura; Limpeza de todas as canaletas e caixa de drenagem externa; Limpeza e verificação das tubulações das galerias; Limpeza e desobstrução das calhas e ralos; Revisar as tubulações e seus suportes; Manter a identificação das diversas tubulações. Revisar o rejuntamento das louças e re-apertar os parafusos de fixação Limpeza dos vasos com bomba manual; Revisar ralos secos e sifonados; Regular válvula de descarga; Re-apertar tampas dos vasos; Verificar acionamento das válvulas de descarga; Conserto de tubos /canos quebrados. 15

16 O serviço será desempenhado nas áreas dos diversos Campi da FUNDAJ, e, a carga horária, será de 44 (quarenta e quatro) horas semanais Os serviços serão desempenhados no seguinte local: -Campus Sede, situado à Av. 17 de agosto, 2187, Casa Forte, Recife/PE; -Campus Anísio Teixeira, situado à Rua Dois Irmãos, 92, Apipucos, Recife/PE; -Edifício Ulysses Pernambucano, situado à Rua Henrique Dias, 609, Derby, Recife/PE; -Engenho Massangana, situado na PE-60 Km 10 Cabo de Santo Agostinho, Recife-PE O funcionário deverá estar devidamente uniformizado e com os equipamentos de proteção individual que se fizerem necessários. Total de Postos de Serviço = 01 (um) 4.3 Manutenção Predial (PEDREIRO) O estudo da demanda dos serviços de manutenção predial (Pedreiro) a serem contratados para a execução das atividades consistirá especificamente, em: Alvenaria de elevação; Chapisco reboco e emassamento; Forro de gesso e retoques; Construção de caixa de concreto; Aplicação de cerâmica e piso; Reparo em telhados, inclusive substituição de telhas e capotes quebrados O serviço será desempenhado nas áreas dos diversos Campi da FUNDAJ, e, a carga horária, será de 44 (quarenta e quatro) horas semanais Os serviços serão desempenhados no seguinte local: -Campus Sede, situado à Avenida 17 de agosto, 2187, Casa Forte, Recife/PE; -Campus Anísio Teixeira, situado à Rua Dois Irmãos, 92, Apipucos, Recife/PE; -Edifício Ulysses Pernambucano, situado à Rua Henrique Dias, 609, Derby, Recife/PE; -Engenho Massangana, situado na PE-60 Km 10 Cabo de Santo Agostinho, Recife-PE O funcionário deverá estar devidamente uniformizado e com os equipamentos de proteção individual que se fizerem necessários. Total de Postos de Serviço = 02 (dois) 4.4 Manutenção Predial (MARCENEIRO) O estudo da demanda dos serviços de manutenção predial (marceneiro) a serem contratados para a execução das atividades, consistirá especificamente, em: 16

17 Confecção e reparo de estantes e móveis de madeira; Reparos em madeiramento de cobertas; Montagem, remoção e reparos em portas de madeira; Colocação e conserto de fechaduras; Confecção de peças de madeira em geral; Serviço de montagem e desmontagem de divisórias de Eucatex; Confecção e montagem de balcões; Atendimento aos setores da Fundação, no que se refere a mobiliários; Montagem e remoção de divisórias; Confecção e montagem de painéis para exposição; O serviço será desempenhado nas áreas dos diversos Campi da FUNDAJ, e, a carga horária, será de 44 (quarenta e quatro) horas semanais Os serviços serão desempenhados no seguinte local: -Campus Sede, situado à Avenida 17 de agosto, 2187, Casa Forte, Recife/PE; -Campus Anísio Teixeira, situado à Rua Dois Irmãos, 92, Apipucos, Recife/PE; -Edifício Ulysses Pernambucano, situado à Rua Henrique Dias, 609, Derby, Recife/PE; -Engenho Massangana, situado na PE-60 Km 10 Cabo de Santo Agostinho, Recife-PE O funcionário deverá estar devidamente uniformizado e com os equipamentos de proteção individual que se fizerem necessários. Total de Postos de Serviço = 03 (três) 4.5 Manutenção Predial (TÉCNICO EM TELEFONIA) O estudo da demanda dos serviços de manutenção predial (Técnico em Telefonia) a serem contratados para a execução das atividades consistirá especificamente, em: Instalação/manutenção preventiva e corretiva de sistema de telefonia fixa; Consertos de aparelhos telefônicos convencionais; Manutenção preventiva e corretiva na rede de distribuição (cabos e fios) primária e secundária nos Campi (Casa forte, Apipucos, e Derby) do sistema de telefonia fixa privada; Ativação/Desativação e remanejamento de pontos telefônicos (Ramais/Troncos); Instalação/manutenção de linhas telefônicas e ramais; Instrução sobre o correto uso dos aparelhos telefônicos; Supervisionar e treinar o usuário interno no tocante ao aproveitamento correto das facilidade operacionais dos sistemas. Conhecimento básico ou avançado em cabeamento estruturado O serviço será desempenhado nas áreas dos diversos Campi da FUNDAJ, e, a carga horária, será de 44 (quarenta e quatro) horas semanais Os serviços serão desempenhados no seguinte local: 17

18 -Campus Sede, situado à Avenida 17 de agosto, 2187, Casa Forte, Recife/PE; -Campus Anísio Teixeira, situado à Rua Dois Irmãos, 92, Apipucos, Recife/PE; -Edifício Ulysses Pernambucano, situado à Rua Henrique Dias, 609, Derby, Recife/PE; -Engenho Massangana, situado na PE-60 Km 10 Cabo de Santo Agostinho, Recife-PE O funcionário deverá estar devidamente uniformizado e com os equipamentos de proteção individual que se fizerem necessários. Total de Postos de Serviço = 01 (um) 4.6 Manutenção Predial (PINTOR) O estudo da demanda dos serviços de manutenção predial (Pintor) a serem contratados para a execução das atividades consistirá especificamente, em: Pintura interna com emassamento, de paredes em alvenaria e divisórias de blocos de Gesso em tinta PVA látex; Pintura com emassamento de esquadrias de madeira em esmalte sintético; Pintura de fachada com tinta PVA látex e acrílica; Pintura de tetos, marquizes e platibandas com tinta PVA látex; Pintura de grades de ferro com esmalte sintético; Serviços de raspagem, emassamento e aplicação de líquido selador e líquido Anticorrosivo; Lavagem de pastilha. Pintura de painéis, para exposição; O serviço será desempenhado nas áreas dos diversos Campi da FUNDAJ, e, a carga horária, será de 44 (quarenta e quatro) horas semanais Os serviços serão desempenhados no seguinte local: -Campus Sede, situado à Avenida 17 de agosto, 2187, Casa Forte, Recife/PE; -Campus Anísio Teixeira, situado à Rua Dois Irmãos, 92, Apipucos, Recife/PE; -Edifício Ulysses Pernambucano, situado à Rua Henrique Dias, 609, Derby, Recife/PE; -Engenho Massangana, situado na PE-60 Km 10 Cabo de Santo Agostinho, Recife-PE O funcionário deverá estar devidamente uniformizado e com os equipamentos de proteção individual que se fizerem necessários. Total de Postos de Serviço = 03 (três) 4.7 Manutenção Predial (SERVENTE DE PEDREIRO) O estudo da demanda dos serviços de manutenção predial (Servente de Pedreiro) a serem contratados para a execução das atividades, consistirá especificamente, em: Alvenaria de elevação; 18

19 Chapisco reboco e emassamento; Forro de gesso e retoques; Construção de caixa de concreto; Aplicação de cerâmica e piso; Reparo em telhados, inclusive substituição de telhas e capotes quebrados O serviço será desempenhado nas áreas dos diversos Campi da FUNDAJ, e, a carga horária, será de 44 (quarenta e quatro) horas semanais Os serviços serão desempenhados no seguinte local: -Campus Sede, situado à Avenida 17 de agosto, 2187, Casa Forte, Recife/PE; -Campus Anísio Teixeira, situado à Rua Dois Irmãos, 92, Apipucos, Recife/PE; -Edifício Ulysses Pernambucano, situado à Rua Henrique Dias, 609, Derby, Recife/PE; -Engenho Massangana, situado na PE-60 Km 10 Cabo de Santo Agostinho, Recife-PE O funcionário deverá estar devidamente uniformizado e com os equipamentos de proteção individual que se fizerem necessários. Total de Postos de Serviço = 01 (um) 5. REQUISITO E ATRIBUIÇÃO DA SUPERVISÃO Requisito: 2º grau Edificações, registro no CREA e NR10. Experiência: 6 (seis) meses, comprovada em carteira de trabalho. 5.1 Atribuições: a) supervisionar, comandar e fiscalizar os serviços de manutenção elétrica e hidráulica; manutenção de carpintaria e marcenaria, troca de peças de pisos e assoalhos, conservação de alvenaria e fachadas, recuperação de pinturas, impermeabilização de superfícies, montagem de equipamentos de trabalho e segurança, inspecionando o local, manutenção predial, seguindo as normas de segurança, higiene, qualidade e proteção ao meio ambiente, manutenção de telefonia, rede e telecomunicações;. b) cuidar da disciplina; c) controlar a freqüência e a apresentação pessoal dos empregados; d) fiscalizar o uso dos equipamentos; e) controlar estoques de peças de reposição utilizadas pelos funcionários, mantendo quantidade mínima; f) implementar planos de manutenção preventiva ou corretiva, supervisionados pelo responsável técnico; g) receber documentos e instruções da FISCLIZAÇÃO e repassá-las a equipe; h) emitir documentos; i) estar em contato permanente com a FISCALIZAÇÃO do CONTRATANTE; 5.2. ELEMENTOS ESTRUTURAIS A. FUNDAÇÕES, PILARES, VIGAS, LAJES, ESCALAS 1. BIMESTRALMENTE i. Verificar o estado geral dos elementos 19

20 ii. Verificar exposição de elementos enterrados iii. Verificar infiltração/umidade incomum no elemento e/ou proximidades iv. Verificar a existência de ferragens descobertas v. Verificar pontos de corrosão em ferragens vi. Verificar pontos danificados ou deteriorados vii. Corrigir os problemas detectados viii. Verificar existência de trincas ou fissuras Obs.: Caso sejam detectadas trincas ou fissuras, comunicar imediatamente a DIMAP 5.3 ELEMENTOS DE COBERTA A. ESTRUTURA DE MADEIRA 1. BIMESTRALMENTE i. Verificar o estado geral da estrutura ii. Verificar existência de elementos danificados, deteriorados ou faltantes iii. Corrigir os problemas detectados iv. Comunicar a ocorrência de deformações excessivas na estrutura (global) ou em seus elementos (local) B. TELHADO 1. BIMESTRALMENTE i. Verificar o estado geral do telhado ii. Verificar calafetação dos elementos de fixação das telhas iii. Verificar existência de telhas quebradas ou faltantes iv. Verificar elementos de fixação v. Verificar ressecamento de buchas de fixação vi. Corrigir os problemas detectados vii. Realizar limpeza C. IMPERMEABILIZAÇÃO 1. BIMESTRALMENTE i. Verificar estado geral da impermeabilização ii. Verificar integridade dos elementos de impermeabilização iii. Verificar pontos sem impermeabilização iv. Corrigir os problemas detectados D. CALHAS E RUFOS 1. BIMESTRALMENTE i. Verificar estado geral do sistema ii. Verificar entupimentos iii. Executar limpeza dos elementos iv. Verificar existência de peças danificadas, deterioradas ou faltantes v. Corrigir os problemas detectados vi. Verificar capacidade de escoamento do sistema e comunicar a Dimap caso haja problemas de dimensionamento 20

O GOVERNADOR DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, no uso da atribuição que lhe confere o art. 82, incisos V e VII, da Constituição do Estado,

O GOVERNADOR DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, no uso da atribuição que lhe confere o art. 82, incisos V e VII, da Constituição do Estado, DECRETO N 42.434, DE 09 DE SETEMBRO DE 2003, DOERS. Regulamenta, no âmbito do Estado do Rio Grande do Sul, a modalidade de licitação denominada pregão, por meio eletrônico, para a aquisição de bens e serviços

Leia mais

PROTOCOLO 23064.008432/2013-42 MINUTA DE EDITAL PREGÃO ELETRÔNICO Nº 122/2013

PROTOCOLO 23064.008432/2013-42 MINUTA DE EDITAL PREGÃO ELETRÔNICO Nº 122/2013 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ PROTOCOLO 23064.008432/2013-42 MINUTA DE EDITAL PREGÃO ELETRÔNICO Nº 122/2013 A UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Campus Curitiba,

Leia mais

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA RECIBO Recebi do(a) Pregoeiro(a) o edital e seus anexos referentes ao Pregão Eletrônico n 24/2010, cujo objeto consiste na contratação de serviços de confecção de 3.000 (três mil) banners promocionais

Leia mais

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA RECIBO Recebi do(a) Pregoeiro(a) o edital e seus anexos referentes ao Pregão Eletrônico n 22/2008, cujo objeto consiste na contratação de empresa especializada para fornecer material de microfilmagem para

Leia mais

Município de Xangri-Lá Fone: (51) 3689-2400 www.xangrila.rs.gov.br

Município de Xangri-Lá Fone: (51) 3689-2400 www.xangrila.rs.gov.br EDITAL Nº 62/2012 PREGÃO ELETRÔNICO 34/2012 PROCESSO DE DESPESA: 2318/2012 (SEC. DE EDUCAÇÃO) PROCESSO DE LICITAÇÃO 2318/2012 PROCESSO DE COMPRA 45-12 ABERTURA: 29/03/2012 HORÁRIO: 15 horas O Prefeito

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA COORDENADORIA DE MANUTENÇÃO LISTA DE VERIFICAÇÕES SERVIÇOS PREVENTIVOS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA COORDENADORIA DE MANUTENÇÃO LISTA DE VERIFICAÇÕES SERVIÇOS PREVENTIVOS LOCAL: SETOR/ENDEREÇO: PERÍODO: RESPONSÁVEL PELAS INFORMAÇÕES: LISTA DE VERIFICAÇÕES SERVIÇOS PREVENTIVOS SISTEMAS HIDROSSANITÁRIOS PERÍODICIDADE SERVIÇOS PREVENTIVOS STATUS SEMANA 01 DIÁRIO Verificação

Leia mais

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA RECIBO Recebi do(a) Pregoeiro(a) o edital e seus anexos referentes ao Pregão Eletrônico n 31/2010, cujo objeto consiste na contratação de empresa especializada em tradução simultânea idiomas / português,

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS PROCESSO SUSEP 15414.003162/2008-71 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 04/2009

MINISTÉRIO DA FAZENDA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS PROCESSO SUSEP 15414.003162/2008-71 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 04/2009 A Superintendência de Seguros Privados - SUSEP realizará, às 15 horas do dia 16 de julho de 2009, licitação na modalidade PREGÃO ELETRÔNICO, tipo MENOR PREÇO, conforme autorização da Senhora Chefe do DEAFI,

Leia mais

O GOVERNADOR DO ESTADO DO AMAZONAS, no exercício da competência que lhe confere o art. 54, inciso IV, da Constituição Estadual, e

O GOVERNADOR DO ESTADO DO AMAZONAS, no exercício da competência que lhe confere o art. 54, inciso IV, da Constituição Estadual, e DECRETO No. 24.818 de 27 JANEIRO DE 2.005 Regulamenta a realização de pregão por meio da utilização de recursos de tecnologia da informação, denominado pregão eletrônico, para a aquisição de bens e serviços

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa LEI Nº 13.179, DE 10 DE JUNHO DE 2009. (publicada no DOE nº 109, de 12 de junho de 2009) Dispõe sobre a Cotação Eletrônica

Leia mais

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA RECIBO Recebi do(a) Pregoeiro(a) o edital e seus anexos referentes ao Pregão Eletrônico n 47/2010, cujo objeto consiste na contratação de pessoa jurídica especializada para prestação de serviços de lavagem

Leia mais

Considerando a necessidade de se buscar a redução de custos, em função do aumento da competitividade; e

Considerando a necessidade de se buscar a redução de custos, em função do aumento da competitividade; e Página 1 de 5 PORTARIA Nº 306, DE 13 DE DEZEMBRO DE 2001 MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO GABINETE DO MINISTRO O MINISTRO DE ESTADO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO, no uso das atribuições

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES PROCESSO Nº. 15414.300110/2008-40 PREGÃO ELETRÔNICO Nº

MINISTÉRIO DA FAZENDA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES PROCESSO Nº. 15414.300110/2008-40 PREGÃO ELETRÔNICO Nº A Superintendência de Seguros Privados SUSEP, no Estado do Rio de Janeiro, mediante Pregoeiro designado pela Portaria SUSEP n 3.053, de 14 de outubro de 2008, torna público que realizará às 14 horas, do

Leia mais

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA RECIBO Recebi do(a) Pregoeiro(a) o edital e seus anexos referentes ao Pregão Eletrônico n 18/2008, cujo objeto consiste na contratação de empresa especializada para fornecimento e instalação de sistema

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS DIVISÃO DE LICITAÇÕES PREGÃO ELETRÔNICO Nº 28/2012 Processo SUSEP Nº 15414.

MINISTÉRIO DA FAZENDA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS DIVISÃO DE LICITAÇÕES PREGÃO ELETRÔNICO Nº 28/2012 Processo SUSEP Nº 15414. MINISTÉRIO DA FAZENDA SUPERINTENDÊNCIA DE SEGUROS PRIVADOS DIVISÃO DE LICITAÇÕES PREGÃO ELETRÔNICO Nº 28/2012 Processo SUSEP Nº 15414.004640/2012-46 A Superintendência de Seguros Privados - SUSEP realizará

Leia mais

AVISO DE LICITAÇÃO DATASUL

AVISO DE LICITAÇÃO DATASUL AVISO DE LICITAÇÃO DATASUL Pregão Eletrônico nº 16111/2008 Processo n 6111/2008 OBJETO: 76J-00323 - Office Enterprise 2007 Sngl OLP INÍCIO DE RECEBIMENTO DE PROPOSTAS: 02/05/2008 às 11 horas. LIMITE PARA

Leia mais

PREGÃO PRESENCIAL Nº 005/2013 PROCESSO SECOM Nº 0357/2012. Alterações e Normas complementares M I N U T A

PREGÃO PRESENCIAL Nº 005/2013 PROCESSO SECOM Nº 0357/2012. Alterações e Normas complementares M I N U T A IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ PREENCHER O RECIBO DE RETIRADA DE EDITAL, CONSTANTE DO ANEXO I E DEVOLVER COM ATÉ 24 HS DE ANTECEDENCIA DO CERTAME PREGÃO PRESENCIAL Nº 005/2013

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO Nº002/2011/CISMEPA REGISTRO DE PREÇOS

PREGÃO ELETRÔNICO Nº002/2011/CISMEPA REGISTRO DE PREÇOS 1 PREGÃO ELETRÔNICO Nº002/2011/CISMEPA REGISTRO DE PREÇOS O CONSORCIO INTERMUNICIPAL DE SAUDE DO MEDIO PARAIBA, mediante o Pregoeiro Flávio Macharet Barbosa, designado pela Portaria nº 004/2011, de junho

Leia mais

REPUBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTERIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES PREGÃO ELETRÔNICO EDITAL Nº 398/2006

REPUBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTERIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES PREGÃO ELETRÔNICO EDITAL Nº 398/2006 REPUBLICA FEDERATIVA DO BRASIL MINISTERIO DOS TRANSPORTES DEPARTAMENTO NACIONAL DE INFRA-ESTRUTURA DE TRANSPORTES PREGÃO ELETRÔNICO EDITAL Nº 398/2006 PROCESSO : 50600.000884/2006-13 Tipo de Licitação:

Leia mais

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA RECIBO Recebi do(a) Pregoeiro(a) o edital e seus anexos referentes ao Pregão Eletrônico n 66/2010, cujo objeto consiste na aquisição de 1 (uma) TV de plasma de 60 para o Engenho Massangana da Fundação

Leia mais

ANEXO 7 CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO

ANEXO 7 CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO ANEXO 7 MINUTA DE CONTRATO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE LOCAÇÃO DE AUTOMÓVEL, QUE ENTRE SI CELEBRAM A FUNDAÇÃO UNIVERSITÁRIA DE DESENVOLVIMENTO DE EXTENSÃO E PESQUISA FUNDEPES E A EMPRESA, NA FORMA ABAIXO:

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA TERRA DE LUTA E FÉ - DOE ORGÃOS, DOE SANGUE:SALVE VIDAS

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA TERRA DE LUTA E FÉ - DOE ORGÃOS, DOE SANGUE:SALVE VIDAS EDITAL DE CARTA CONVITE 027/2015 A PREFEITA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA, torna público, para conhecimento dos interessados, que no dia 20 DE NOVEMBRO DE 2015, às 10 horas, reunirse-á a Comissão Permanente

Leia mais

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA RECIBO Recebi do(a) Pregoeiro(a) o edital e seus anexos referentes ao Pregão Eletrônico n 04/2010, cujo objeto consiste no registro de preços, pelo prazo de doze meses, para eventual aquisição de água

Leia mais

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA RECIBO Recebi do(a) Pregoeiro(a) o edital e seus anexos referente ao Pregão Eletrônico n 62/2011, cujo objet o consiste no registro de preços, pelo prazo de doze meses, para eventual impressão digital

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE EDITAL

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE EDITAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE EDITAL PREGÃO ELETRÔNICO N.º 15/2014 PROCESSO N.º 23341.000141/2014-71

Leia mais

TERMO DE PARTICIPAÇÃO DA COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº0195/2014 PREÂMBULO

TERMO DE PARTICIPAÇÃO DA COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº0195/2014 PREÂMBULO TERMO DE PARTICIPAÇÃO DA COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº0195/2014 PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos termos do Decreto

Leia mais

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA RECIBO Recebi do(a) Pregoeiro(a) o edital e seus anexos referentes ao Pregão Eletrônico n 04/2011, cujo objeto consiste no registro de preços, pelo prazo de 12 (doze) meses, para eventual fornecimento

Leia mais

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRAS Vinculada ao Ministério das Comunicações

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRAS Vinculada ao Ministério das Comunicações PREGÃO ELETRÔNICO Nº 006/2012 (EXCLUSIVO PARA MICROEMPRESAS E EMPRESA DE PEQUENO PORTE Dec. 6.204/2007) Processo nº 039/2012 COMPROVANTE DE RECEBIMENTO DO EDITAL Objeto: Contratação de empresa para prestação

Leia mais

ANEXO ÚNICO DO DECRETO Nº28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 PREÂMBULO

ANEXO ÚNICO DO DECRETO Nº28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 PREÂMBULO ANEXO ÚNICO DO DECRETO Nº28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 TERMO DE PARTICIPAÇÃO Nº 2014-003 PREÂMBULO 1.Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por

Leia mais

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N 92092-03/2010

Fundação de Apoio à Tecnologia e Ciência FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N 92092-03/2010 FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N 92092-03/2010 A Fundação de Apoio à Ciência e Tecnologia - FATEC, por meio de sua pregoeira, Claudia Pippi Lorenzoni torna público

Leia mais

PREFEITURA DE CACHOEIRA DO SUL - RS SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE COMPRAS Rua Moron, 1.013 Fone/Fax (51) 3724-6052

PREFEITURA DE CACHOEIRA DO SUL - RS SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE COMPRAS Rua Moron, 1.013 Fone/Fax (51) 3724-6052 EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 136/2015 OBJETO: AQUISIÇÃO ALMOFADA PARA CARIMBO, TINTA PARA CARIMBO, FITA ADESIVA LARGA E COLA EM BASTÃO, A PEDIDO DA SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE. IMPORTANTE INÍCIO DE

Leia mais

INSPEÇÃO VEICULAR PARA KIT GNV PREÂMBULO

INSPEÇÃO VEICULAR PARA KIT GNV PREÂMBULO INSPEÇÃO VEICULAR PARA KIT GNV PREÂMBULO Termo de Participação via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos termos do Decreto Estadual nº 28.397

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO PRÓ-REITORIA DE GESTÃO ADMINISTRATIVA DIRETORIA DE LICITAÇÕES E CONTRATOS DIVISÃO DE LICITAÇÕES

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO PRÓ-REITORIA DE GESTÃO ADMINISTRATIVA DIRETORIA DE LICITAÇÕES E CONTRATOS DIVISÃO DE LICITAÇÕES UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO PRÓ-REITORIA DE GESTÃO ADMINISTRATIVA DIRETORIA DE LICITAÇÕES E CONTRATOS DIVISÃO DE LICITAÇÕES Senhor licitante, A comunicação de eventuais retificações ocorridas no

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO N 12/2007 Sistema de Registro de Preços

PREGÃO ELETRÔNICO N 12/2007 Sistema de Registro de Preços PREGÃO ELETRÔNICO N 12/2007 Sistema de Registro de Preços EDITAL A Justiça Federal de Primeiro Grau em Minas Gerais, por intermédio da Pregoeira designada pela Portaria 10-124-DIREF de 29/06/2006, realizará

Leia mais

CLÁUSULA SEGUNDA - DA VINCULAÇÃO AO EDITAL

CLÁUSULA SEGUNDA - DA VINCULAÇÃO AO EDITAL PROCESSO Nº 01550.000345/2009-46. PREGÃO Nº 26/2009. ATA DE REGISTRO DE PREÇOS Nº 1/2010. A FUNDAÇÃO CASA DE RUI BARBOSA, pessoa jurídica de direito público vinculada a Ministério da Cultura, com sede

Leia mais

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA RECIBO Recebi do(a) Pregoeiro(a) o edital e seus anexos referentes ao Pregão Eletrônico n 24/2008, cujo objeto consiste na prestação dos serviços de locação de 01 (um) veículo auto passeio, incluindo combustível,

Leia mais

EDITAL OBJETO: CABO GIGALAN CATEGORIA 6 U/UTP 23AWGX4PARES - VERMELHO EM CAIXA DE 305 METROS, CONFORME ESPECIFICAÇÃO TECNICA Nº 036/2009.

EDITAL OBJETO: CABO GIGALAN CATEGORIA 6 U/UTP 23AWGX4PARES - VERMELHO EM CAIXA DE 305 METROS, CONFORME ESPECIFICAÇÃO TECNICA Nº 036/2009. EDITAL A SÃO PAULO TRANSPORTE S.A. SPTrans, inscrita no CNPJ-MF sob o n.º 60.498.417/0001-58, comunica que se encontra aberta a licitação, EXCLUSIVAMENTE para participação de microempresas e empresas de

Leia mais

PREGÃO Processo nº 000217-04.91/15-0

PREGÃO Processo nº 000217-04.91/15-0 PREGÃO PE - 31/2015 - SULGÁS A Companhia de Gás do Estado do Rio Grande do Sul - SULGÁS torna público, através de seu Pregoeiro designado, que realizará licitação por meio da utilização de recursos de

Leia mais

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA RECIBO Recebi do(a) Pregoeiro(a) o edital e seus anexos referentes ao Pregão Eletrônico SRP n 21/2013, cujo objeto consiste no registro de preços, pelo prazo de 12 (doze) meses, para eventual serviço de

Leia mais

BOBINA DE PAPEL TERMICO PREÂMBULO

BOBINA DE PAPEL TERMICO PREÂMBULO BOBINA DE PAPEL TERMICO PREÂMBULO Termo de Participação via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos termos do Decreto Estadual nº 28.397 / 21 de

Leia mais

ANEXO ÚNICO DO DECRETO Nº 28.088 DE 10 DE JANEIRO DE 2006 PREÂMBULO

ANEXO ÚNICO DO DECRETO Nº 28.088 DE 10 DE JANEIRO DE 2006 PREÂMBULO ANEXO ÚNICO DO DECRETO Nº 28.088 DE 10 DE JANEIRO DE 2006 PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos termos do

Leia mais

TERMO DE PARTICIPAÇÃO DO EDITAL 20114150

TERMO DE PARTICIPAÇÃO DO EDITAL 20114150 TERMO DE PARTICIPAÇÃO DO EDITAL 20114150 PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos termos do Decreto Estadual

Leia mais

Prefeitura Municipal de Floriano Peixoto 01.612.289/0001-62 Avenida Alfredo Joahnes Dücker - 99.910-000 - Floriano Peixoto/RS EDITAL DE LICITAÇÃO

Prefeitura Municipal de Floriano Peixoto 01.612.289/0001-62 Avenida Alfredo Joahnes Dücker - 99.910-000 - Floriano Peixoto/RS EDITAL DE LICITAÇÃO Prefeitura Municipal de Floriano Peixoto 01.612.289/0001-62 Avenida Alfredo Joahnes Dücker - 99.910-000 - Floriano Peixoto/RS EDITAL DE LICITAÇÃO Processo...: 8/2015 Modalidade.: Convite Número...: 6/2015

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA MANUTENÇÃO PREDIAL GERAL

TERMO DE REFERÊNCIA MANUTENÇÃO PREDIAL GERAL 1. OBJETO TERMO DE REFERÊNCIA MANUTENÇÃO PREDIAL GERAL 1.1. Prestação de Serviços de Manutenção Predial Geral, para as dependências do Centro Cultural José Bonifácio localizado na Rua Pedro Ernesto, nº

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL EMPRESA BRASIL DE COMUNICAÇÃO S/A EBC PREGÃO ELETRÔNICO Nº 063/2011

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL EMPRESA BRASIL DE COMUNICAÇÃO S/A EBC PREGÃO ELETRÔNICO Nº 063/2011 PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL EMPRESA BRASIL DE COMUNICAÇÃO S/A EBC PREGÃO ELETRÔNICO Nº 063/2011 Processo EBC nº 000635/2011 COMPROVANTE DE RECEBIMENTO DO EDITAL Objeto: Contratação

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE BAMBUÍ EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº.

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE BAMBUÍ EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº. SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CENTRO FEDERAL DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA DE BAMBUÍ EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 67/2009 Processo nº: 23000.086744/2009-55 Tipo de Licitação: MENOR PREÇO

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 001/2012 TIPO: MENOR PREÇO

TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 001/2012 TIPO: MENOR PREÇO TERMO DE REFERÊNCIA COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO Nº 001/2012 TIPO: MENOR PREÇO A Associação Paulista dos Criadores de Suínos APCS - SP, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita no Cadastro Nacional de

Leia mais

* O ÔNIBUS DEVERÁ TER SUSPENSÃO AR CONDICIONADO, BANHEIRO, GELADEIRA ELÉTRICA, POLTRONA SUPER PULLMAN, TV, SOM, VÍDEO, DVD.

* O ÔNIBUS DEVERÁ TER SUSPENSÃO AR CONDICIONADO, BANHEIRO, GELADEIRA ELÉTRICA, POLTRONA SUPER PULLMAN, TV, SOM, VÍDEO, DVD. ANEXO ÚNICO DO DECRETO Nº 28.088 DE 10 DE JANEIRO DE 2006 PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos termos do

Leia mais

EDITAL DE CONCORRÊNCIA PÚBLICA 01/2014

EDITAL DE CONCORRÊNCIA PÚBLICA 01/2014 EDITAL DE CONCORRÊNCIA PÚBLICA 01/2014 O PRESIDENTE DA COMPANHIA ÁGUAS TERMAIS MARCELINO RAMOS no uso de suas atribuições legais e estatutárias e de conformidade com a Lei 8666/93 de 21 de junho de 1993

Leia mais

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA RECIBO Recebi do(a) Pregoeiro(a) o edital e seus anexos referentes ao Pregão Eletrônico n 41/2011, cujo objeto consiste na contratação de pessoa jurídica para aquisição e ativação de equipamentos para

Leia mais

DECRETO Nº. 6.204, DE 5 DE SETEMBRO DE 2007 DOU 06.09.2007

DECRETO Nº. 6.204, DE 5 DE SETEMBRO DE 2007 DOU 06.09.2007 DECRETO Nº. 6.204, DE 5 DE SETEMBRO DE 2007 DOU 06.09.2007 Regulamenta o tratamento favorecido, diferenciado e simplificado para as microempresas e empresas de pequeno porte nas contratações públicas de

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 002/2010

CARTA CONVITE Nº 002/2010 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDENCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP:

Leia mais

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2010. SESSÃO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona 1200 7º andar Horário: 10:30 horas do dia 08 de março de 2.

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2010. SESSÃO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona 1200 7º andar Horário: 10:30 horas do dia 08 de março de 2. IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM 03 (TRÊS) DIAS DE ANTECEDENCIA NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP: 01405-001

Leia mais

EDITAL PROCESSO 4674/2009

EDITAL PROCESSO 4674/2009 EDITAL PROCESSO 4674/2009 A Justiça Federal de Primeiro Grau em Minas Gerais, por intermédio da Pregoeira designada pela Portaria 10/58-DIREF de 24/06/2009 realizará o pregão presencial em epígrafe, regido

Leia mais

PREFEITURA DE CACHOEIRA DO SUL - RS SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE COMPRAS Rua Moron, 1.013 Fone/Fax (51) 3724-6052

PREFEITURA DE CACHOEIRA DO SUL - RS SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE COMPRAS Rua Moron, 1.013 Fone/Fax (51) 3724-6052 EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 114/2013 OBJETO: AQUISIÇÃO DE AUTOCLAVE DIGITAL, A PEDIDO DA SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE. IMPORTANTE INÍCIO DE ACOLHIMENTO DE PROPOSTAS: 14/10/2013 15h00min. LIMITE PARA

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL EMPRESA BRASIL DE COMUNICAÇÃO S/A EBC PREGÃO ELETRÔNICO Nº 050/2011

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL EMPRESA BRASIL DE COMUNICAÇÃO S/A EBC PREGÃO ELETRÔNICO Nº 050/2011 PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA SECRETARIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL EMPRESA BRASIL DE COMUNICAÇÃO S/A EBC PREGÃO ELETRÔNICO Nº 050/2011 Processo EBC nº 002307/2010 COMPROVANTE DE RECEBIMENTO DO EDITAL OBJETO: Contratação

Leia mais

EDITAL DE PREGÃO N.º 069/2015

EDITAL DE PREGÃO N.º 069/2015 EDITAL DE PREGÃO N.º 069/2015 JOÃO PEDRO TILL, Diretor Presidente da Autarquia Municipal de Turismo GRAMADOTUR, no uso legal de suas atribuições, e de conformidade com a Lei n.º 8.666 de 21.06.93 e demais

Leia mais

INFORMAÇÕES AOS FORNECEDORES SEJA NOSSO FORNECEDOR REGULAMENTO PARA EMISSÃO DO CRC COCEL (parte integrante do site www.cocel.com.

INFORMAÇÕES AOS FORNECEDORES SEJA NOSSO FORNECEDOR REGULAMENTO PARA EMISSÃO DO CRC COCEL (parte integrante do site www.cocel.com. 1/7 INFORMAÇÕES AOS FORNECEDORES SEJA NOSSO FORNECEDOR REGULAMENTO PARA EMISSÃO DO CRC COCEL (parte integrante do site www.cocel.com.br) INFORMAÇÕES I. O interessado na inscrição no Cadastro de Fornecedores

Leia mais

FAURG FUNDAÇÃO DE APOIO À UNIVERSIDADE DO RIO GRANDE COMISSÃO ESPECIAL DE LICITAÇÃO OBJETO: AQUISIÇÃO DE CENTRAL DE ALARME COM INSTALAÇÃO

FAURG FUNDAÇÃO DE APOIO À UNIVERSIDADE DO RIO GRANDE COMISSÃO ESPECIAL DE LICITAÇÃO OBJETO: AQUISIÇÃO DE CENTRAL DE ALARME COM INSTALAÇÃO EDITAL DE PREGÃO ELETRONICO Nº 063/2013 FAURG OBJETO: AQUISIÇÃO DE CENTRAL DE ALARME COM INSTALAÇÃO IMPORTANTE: INÍCIO DO ACOLHIMENTO DAS PROPOSTAS: 25/07/2013 08h RECEBIMENTO DAS PROPOSTAS ATÉ: 05/08/2013

Leia mais

ESTADO DO ACRE DECRETO Nº 5.966 DE 30 DE DEZEMBRO DE 2010

ESTADO DO ACRE DECRETO Nº 5.966 DE 30 DE DEZEMBRO DE 2010 Regulamenta o tratamento favorecido, diferenciado e simplificado para as microempresas, empresas de pequeno porte e equiparadas nas contratações de bens, prestação de serviços e execução de obras, no âmbito

Leia mais

EDITAL DE LEILÃO ITEM I DO FUNDAMENTO JURÍDICO.

EDITAL DE LEILÃO ITEM I DO FUNDAMENTO JURÍDICO. EDITAL DE LEILÃO LEILÃO PÚBLICO: Nº 01/2013 PROCESSO: 2013.1.4.91.4 EDITAL DE LEILÃO PARA VENDA DE ESTRUTURAS PORTA PALETES E PLATAFORMAS DE MDF INSERVÍVEIS PARA O SERVIÇO PÚBLICO O Prof. Dr. Plinio Martins

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DO MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO E TECNOLOGIA NÚCLEO DE LOGÍSTICA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS

ESCOLA SUPERIOR DO MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO E TECNOLOGIA NÚCLEO DE LOGÍSTICA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS ESCOLA SUPERIOR DO MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO E TECNOLOGIA NÚCLEO DE LOGÍSTICA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO Nº 09/2007 PROCESSO Nº 0.01.000.000879/2007-37 VALIDADE: 1 (um)

Leia mais

MUNICÍPIO DE SENGÉS CNPJ/MF 76.911.676/0001-07 TRAVESSA SENADOR SOUZA NAVES N. 95 SENGÉS PARANÁ

MUNICÍPIO DE SENGÉS CNPJ/MF 76.911.676/0001-07 TRAVESSA SENADOR SOUZA NAVES N. 95 SENGÉS PARANÁ DECRETO Nº 600/2014 Súmula:- Regulamenta a aquisição de Bens Permanentes, de Consumo e Serviços destinados a Administração Direta, Indireta e Fundacional do Município de Sengés, através de Pregão, tendo

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 028/2009 M I N U T A

CARTA CONVITE Nº 028/2009 M I N U T A IMPORTANTE : PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDÊNCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JARDIM PAULISTA

Leia mais

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA

RECIBO FAVOR PREENCHER DE FORMA LEGÍVEL ASSINATURA E CARIMBO DA EMPRESA RECIBO Recebi do(a) Pregoeiro(a) o edital e seus anexos referentes ao Pregão Eletrônico n 65/2011, cujo objeto consiste na contratação de pessoa jurídica para manutenção preventiva e corretiva com reposição

Leia mais

CARTA CONVITE 12/2015 FUnC REPUBLICAÇÃO

CARTA CONVITE 12/2015 FUnC REPUBLICAÇÃO 1 CARTA CONVITE 12/2015 FUnC REPUBLICAÇÃO 1 - PREÂMBULO 1.1 - A Fundação Universidade do Contestado, através do seu Departamento de Compras, situado à Rua Victor Sopelsa, 3000, Bairro Salete, Concórdia,

Leia mais

CONVITE DE ALIENAÇÃO Nº. 03 / 2012 Processo nº. 23219.000/2011-51

CONVITE DE ALIENAÇÃO Nº. 03 / 2012 Processo nº. 23219.000/2011-51 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL GOIANO Câmpus Rio Verde GO CONVITE DE ALIENAÇÃO Nº. 03 / 2012 Processo nº. 23219.000/2011-51 O Instituto Federal

Leia mais

Prefeitura Municipal de Caçapava do Sul Rua Benjamin Constant, 686 CEP 96.570-000 CNPJ 88.142.302/0001-45 Fone 55 3281 2463

Prefeitura Municipal de Caçapava do Sul Rua Benjamin Constant, 686 CEP 96.570-000 CNPJ 88.142.302/0001-45 Fone 55 3281 2463 EDITAL Nº 1981/2011 PREGÃO ELETRÔNICO Nº 151/2011 OBJETO: AQUISIÇÃO DE MATERIAIS ASFÁLTICOS (ASFALTO DILÚIDO DE PETRÓLEO CM30 E ARE 75) INÍCIO DE RECEBIMENTO DE PROPOSTAS: Dia 13/06/2011 08:00 horas LIMITE

Leia mais

1 DO OBJETO Aquisição de licença de software de informática para atender as necessidades desta Autarquia, conforme discriminação abaixo:

1 DO OBJETO Aquisição de licença de software de informática para atender as necessidades desta Autarquia, conforme discriminação abaixo: A Superintendência de Seguros Privados SUSEP, no Estado do Rio de Janeiro, mediante Pregoeiro designado pela Portaria SUSEP n 2.527, de 11 de outubro de 2006, torna público que realizará às 14 (catorze)

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO Nº.../20... PROCESSO Nº 1.00.000.003689/2013-00 VALIDADE: 12 (DOZE) MESES ATA Nº.../20...

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO Nº.../20... PROCESSO Nº 1.00.000.003689/2013-00 VALIDADE: 12 (DOZE) MESES ATA Nº.../20... ATA DE REGISTRO DE PREÇOS PREGÃO Nº.../20... PROCESSO Nº 1.00.000.003689/2013-00 VALIDADE: 12 (DOZE) MESES ATA Nº.../20... Ao...do dia do mês de... do ano de 20..., na PROCURADORIA GERAL DA REPÚBLICA PGR,

Leia mais

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRÁS

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRÁS TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRÁS PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 008/2009 EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº 02/2009 1.1 MODALIDADE: PREGÃO PRESENCIAL 1.1.1.1 TIPO DE LICITAÇÃO: MAIOR DESCONTO OFERTADO

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ASSUNTOS ADMINISTRATIVOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO TERMO DE RETIRADA DO PREGÃO ELETRÔNICO N. º 08/2005.

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ASSUNTOS ADMINISTRATIVOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO TERMO DE RETIRADA DO PREGÃO ELETRÔNICO N. º 08/2005. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SUBSECRETARIA DE ASSUNTOS ADMINISTRATIVOS COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO TERMO DE RETIRADA DO PREGÃO ELETRÔNICO N. º 08/2005. PESSOA JURÍDICA: ENDEREÇO: CNPJ DA PESSOA JURÍDICA:

Leia mais

MANUTENÇÃO DO PÁRA RAIOS PREÂMBULO

MANUTENÇÃO DO PÁRA RAIOS PREÂMBULO MANUTENÇÃO DO PÁRA RAIOS PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos termos do Decreto Estadual nº 28.397 / 21

Leia mais

EDITAL Nº 34 DISPENSA ELETRÔNICA Nº 34/2011 PROCESSO Nº 201159240

EDITAL Nº 34 DISPENSA ELETRÔNICA Nº 34/2011 PROCESSO Nº 201159240 IRH INSTITUTO DE RECURSOS HUMANOS EDITAL Nº 34 DISPENSA ELETRÔNICA Nº 34/2011 PROCESSO Nº 201159240 DADOS GERAIS OBJETO: Aquisição de 01(um) compressor de ar para autoclave. INÍCIO DA SESSÃO DE DISPUTA

Leia mais

EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N.º 009/2012 PROCESSO ADMINISTRATIVO N.º 009.003067.12.2

EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N.º 009/2012 PROCESSO ADMINISTRATIVO N.º 009.003067.12.2 EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO N.º 009/2012 PROCESSO ADMINISTRATIVO N.º 009.003067.12.2 O DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES PÚBLICOS DO MUNICÍPIO DE PORTO ALEGRE torna público para conhecimento

Leia mais

PREFEITURA DE CACHOEIRA DO SUL - RS SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE COMPRAS Rua Moron, 1.013 Fone/Fax (51) 3724-6052

PREFEITURA DE CACHOEIRA DO SUL - RS SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE COMPRAS Rua Moron, 1.013 Fone/Fax (51) 3724-6052 EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 57/2015 OBJETO: AQUISIÇÃO DE CAMISETAS E SACOLAS, A PEDIDO DA SECRETARIA MUNICIPAL DO MEIO AMBIENTE. IMPORTANTE INÍCIO DE ACOLHIMENTO DE PROPOSTAS: 27/05/2015 8h30min. LIMITE

Leia mais

PROJETO BÁSICO COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº 46_/2013. Aquisição de Guarda Chuvas para a Unidade do INPE/CRN em Natal/RN.

PROJETO BÁSICO COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº 46_/2013. Aquisição de Guarda Chuvas para a Unidade do INPE/CRN em Natal/RN. PROJETO BÁSICO COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº 46_/2013 1. OBJETO Aquisição de Guarda Chuvas para a Unidade do INPE/CRN em Natal/RN. 2. ESPECIFICAÇÕES Guarda Chuva, medindo 0,80 m x 8 x 1,60 m de diâmetro, tipo

Leia mais

CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO

CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO ANEXO 7 MINUTA DE CONTRATO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE LOCAÇÃO DE SALAS, QUE ENTRE SI CELEBRAM A FUNDAÇÃO UNIVERSITÁRIA DE DESENVOLVIMENTO DE EXTENSÃO E PESQUISA FUNDEPES E A EMPRESA, NA FORMA ABAIXO:

Leia mais

CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO DIRETORIA DE GESTÃO INTERNA

CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO DIRETORIA DE GESTÃO INTERNA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO DIRETORIA DE GESTÃO INTERNA EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 40/2012 PROCESSO Nº 00190.024252/2012-86 A Diretoria de Gestão Interna da Controladoria-Geral da União da Presidência

Leia mais

Contrato de Apoio Técnico - Operacional

Contrato de Apoio Técnico - Operacional Este Contrato estabelece os termos e condições para disponibilização do sistema informatizado PREGÃO.NET, pela Oriens Tecnologia Ltda., com sede na Av. do Contorno nº 3505, sala 802, na cidade de Belo

Leia mais

TERMO DE PARTICIPAÇÃO COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº 005/2014 DECRETO Nº28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 PREÂMBULO

TERMO DE PARTICIPAÇÃO COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº 005/2014 DECRETO Nº28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 PREÂMBULO TERMO DE PARTICIPAÇÃO COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº 005/2014 DECRETO Nº28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por

Leia mais

EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 13/2012 OBJETO: AQUISIÇÃO DE MÓVEIS, A PEDIDO DAS SECRETARIAS MUNICIPAIS DE MEIO AMBIENTE, FAZENDA, SAÚDE E OBRAS.

EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 13/2012 OBJETO: AQUISIÇÃO DE MÓVEIS, A PEDIDO DAS SECRETARIAS MUNICIPAIS DE MEIO AMBIENTE, FAZENDA, SAÚDE E OBRAS. EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 13/2012 OBJETO: AQUISIÇÃO DE MÓVEIS, A PEDIDO DAS SECRETARIAS MUNICIPAIS DE MEIO AMBIENTE, FAZENDA, SAÚDE E OBRAS. IMPORTANTE INÍCIO DE ACOLHIMENTO DE PROPOSTAS: 16/03/2012

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 017/2014 UnC PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSTRUÇÃO CIVIL E AFINS CAMPUS CONCÓRDIA SC.

CARTA CONVITE Nº 017/2014 UnC PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSTRUÇÃO CIVIL E AFINS CAMPUS CONCÓRDIA SC. 1 CARTA CONVITE Nº 017/2014 UnC PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSTRUÇÃO CIVIL E AFINS CAMPUS CONCÓRDIA SC. 1 - PREÂMBULO 1.1 - A Fundação Universidade do Contestado, através do seu Departamento de Compras,

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 007/2008

CARTA CONVITE Nº 007/2008 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO E COM ATÉ 24 HS DE ANTECEDÊNCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 - JD. PAULISTA -

Leia mais

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina Rua Esteves Júnior, n. 68, Centro, Florianópolis/SC, CEP 88015-130 Fone: (48) 3251-3700 www.tre-sc.jus.br PREGÃO N. 141/2013 (Protocolo n. 82.950/2013) O TRIBUNAL

Leia mais

PREFEITURA DE CACHOEIRA DO SUL - RS SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE COMPRAS Rua Moron, 1.013 Fone/Fax (51) 3724-6052

PREFEITURA DE CACHOEIRA DO SUL - RS SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE COMPRAS Rua Moron, 1.013 Fone/Fax (51) 3724-6052 EDITAL DE PREGÃO ELETRÔNICO Nº 54/2014 OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA MANUTENÇÃO DE ELEVADOR DE PASSAGEIRO INSTALADO NO PRÉDIO DO POLO DA UAB, A PEDIDO DA SECRETARIA MUNICIPAL DA INDÚSTRIA E COMÉRCIO.

Leia mais

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina Rua Esteves Júnior, n. 68, Centro, Florianópolis/SC, CEP 88015-130 Fone: (48) 3251-3700 www.tre-sc.jus.br PREGÃO N. 125/2015 (PAE n. 61.026/2015) O TRIBUNAL

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 5/2010. PROCESSO Nº 01550.000126/2009-67.

EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 5/2010. PROCESSO Nº 01550.000126/2009-67. EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 5/2010. PROCESSO Nº 01550.000126/2009-67. A FUNDAÇÃO CASA DE RUI BARBOSA - FCRB, pessoa jurídica de direito público vinculada ao Ministério da Cultura-MinC, doravante

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL REI - UFSJ PREGÃO ELETRÔNICO Nº 139/2013 PROCESSO Nº. 23122003586/2013-19

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL REI - UFSJ PREGÃO ELETRÔNICO Nº 139/2013 PROCESSO Nº. 23122003586/2013-19 UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO JOÃO DEL REI - UFSJ PREGÃO ELETRÔNICO Nº 139/2013 PROCESSO Nº. 23122003586/2013-19 A Universidade Federal de São João Del-Rei - UFSJ, situada na Praça Frei Orlando, 170, Campus

Leia mais

CONTAGEM DO PRAZO LEGAL

CONTAGEM DO PRAZO LEGAL Curso de Licitação. Pregão Presencial e Pregão Eletrônico Professor: Antônio Noronha Os 3 Caminhos Possíveis para Aquisição/ Serviços, etc... Licitação; Dispensa de Licitação; Inexigibilidade de Licitação.

Leia mais

Tomada de Preços n.º 015/2010

Tomada de Preços n.º 015/2010 Tomada de Preços n.º 015/2010 Procedimento Administrativo n.º 0848/2010 Modalidade: Tomada de Preços Tipo: Menor Preço Julgamento: global Regime de execução: empreitada por preço unitário Objeto: Contratação

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA EXECUTIVA SUBSECRETARIA DE ASSUNTOS ADMINISTRATIVOS TERMO DE RETIRADA DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 11/2011

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA EXECUTIVA SUBSECRETARIA DE ASSUNTOS ADMINISTRATIVOS TERMO DE RETIRADA DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 11/2011 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA EXECUTIVA SUBSECRETARIA DE ASSUNTOS ADMINISTRATIVOS TERMO DE RETIRADA DO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 11/2011 PESSOA JURÍDICA: ENDEREÇO: CNPJ DA PESSOA JURÍDICA: TELEFONE(S):

Leia mais

PREGÃO ELETRÔNICO CONAB Nº 006/2005

PREGÃO ELETRÔNICO CONAB Nº 006/2005 PREGÃO ELETRÔNICO CONAB Nº 006/2005 PROCESSO Nº: 01.208/2005 Tipo de Licitação: MENOR PREÇO Data: 21 / 12 /2005 Horário Abertura: 09:00 horas Local: www.comprasnet.gov.br A Companhia Nacional de Abastecimento

Leia mais