Programa de Desenvolvimento da Natação de Competição XIRA2012

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Programa de Desenvolvimento da Natação de Competição XIRA2012"

Transcrição

1 Programa de Desenvolvimento da Natação de Competição XIRA2012

2 1. Condições de Participação 1.1. O apresenta dois níveis de participação, Grau I com 4 Encontros e Grau II com 2 Encontros O desempenho técnico dos nadadores participantes será avaliado de acordo com as regras vigentes da Federação Portuguesa de Natação Poderão participar nos Encontros de Grau I, Atletas Federados e Não Federados que se enquadrem nos requisitos técnicos do Nível 3 de acordo com Documento Orientador do Os Tempos Mínimos de Referência (TMR) destinam-se aos Clubes com Atletas (Não Federados) que queiram concorrer à atribuição do desconto de 50% em 4 tempos semanais de 45 minutos por cada grupo de 15 Atletas das suas classes de competição (federados). Poderão usufruir desse apoio a partir do momento em que o n.º necessário de nadadores (para completar os grupos de 15) obtenha em qualquer prova um TMR. Estes Atletas deverão ser filiados na Associação de Natação de Lisboa (ANL) até ao Inicio da próxima época desportiva No Grau I os nadadores participarão em séries distintas, dirigidas a Federados e Não Federados, não podendo participar em mais do que uma prova por encontro, excepto aqueles que participem nas provas de estafetas No Grau I os Clubes participantes ficam responsáveis pela organização nos dias dos 4 Encontros previstos de forma rotativa entre Janeiro e Maio. Com a coordenação da ANL e supervisionados por dois delegados técnicos da Câmara Municipal, que prestaram todo o apoio necessário Todo o processo de inscrições e divulgação de resultados no Grau I é da responsabilidade da ANL A ANL desenvolverá uma dinamização experimental de pólo aquático para todos os participantes Os Clubes participantes no Grau I devem disponibilizar o enquadramento humano para: Chamada e organização das séries (2), apoio ao operador informático (2), encaminhamento para as Pistas (2), estafetas (2), bem como 8 cronometristas suplentes caso existam falhas dos juízes / cronometristas oficiais. 2. Inscrições 2.1. As inscrições dos Clubes, para os 4 Encontros do Grau I, devem ser realizadas por via electrónica, através do programa informático Entry Editor, indicando o primeiro, segundo e último nome, a data de nascimento, o número de B.I., prova em que vão participar e tempo de referência. Os atletas que não tiverem tempos de referência, não serão considerados inscritos para esse encontro Para todas as provas do Grau I, a ANL, disponibilizará atempadamente o ficheiro convite respectivo.

3 2.3. Não são permitidas inscrições de atletas nascidos depois de Por cada Encontro de Grau I, as equipas deverão consultar a start-list que será enviada pela CMVFX/ANL após concluído o respectivo prazo de inscrições, e realizar as devidas rectificações até ao prazo máximo de 3 dias úteis antes do dia de realização do respectivo Não serão permitidas novas inscrições de atletas nos dias dos Encontros. Neste sentido apelamos aos Clubes que transmitam aos seus técnicos esta informação de modo a evitar que haja atletas que se desloquem às piscinas e, depois não possam participar nos encontros Na inscrição de equipas de estafetas é obrigatório definir tempo de inscrição, escalão e completa constituição dos elementos da equipa. O tempo de inscrição deverá corresponder à soma dos parciais dos atletas que constituem a equipa 2.7. Todas as inscrições de estafetas que dêem entrada sem tempo, constituição, ou categoria definida, não serão consideradas Todas as alterações às constituições de estafetas deverão ser realizadas até 30 minutos antes do início do respectivo Encontro. 3. Transferência de Atletas 3.1. Não são permitidas transferências de atletas entre entidades participantes nos Encontros Desportivos Concelhios durante o decorrer da época No caso de desvinculação de um atleta ao clube, o mesmo pode continuar a participar nos encontros de natação como individual, mantendo os pontos das provas já realizadas e acumulando com os que vier a conquistar. 4. Classificações / Pontuações 4.1. Nos Encontros as classificações individuais serão distintas para Atletas Federados e Não Federados e efectuadas por escalões, independentemente da série onde o atleta nadou A classificação individual é realizada em função dos tempos efectuados por todos os participantes em cada prova e atribuída pontuação com o seguinte princípio: 1.º Classificado 10 Pontos 2.º Classificado 9 Pontos 3.º Classificado 8 Pontos 4.º Classificado 6 Pontos 5.º Classificado 5 Pontos 6.º Classificado 4 Pontos 7.º Classificado 3 Pontos 8.º Classificado 2 Pontos A partir do 9º Classificado 1 Ponto A classificação colectiva é determinada através da soma dos pontos obtidos pelos nadadores das várias provas e dos vários escalões.

4 4.1.3 Serão ainda somados pontos atribuídos a cada equipa participante nas estafetas (4 pontos independentemente da classificação obtida), é válida para os escalões de: Cadetes, Infantis, Juvenis, Juniores, Seniores e Absolutos (que podem integrar elementos das categorias de Juvenis a Seniores) Os atletas que participem pela primeira vez no XIRA2012, apenas no 4º Encontro, serão contemplados apenas com 1 ponto A classificação colectiva irá determinar a atribuição dos prémios finais. 5. Prémios 5.1. Individuais Serão atribuídos Diplomas de Participação no escalão de Cadetes e Medalhas aos 3 primeiros classificados nos escalões Infantis, Juvenis Juniores e Séniores No final da época serão atribuídas lembranças de participação a todos os nadadores que tenham participado em mais de 50% dos encontros Colectivos Serão atribuídos troféus aos 3 primeiros clubes da classificação. 6. Exames Médicos e Seguro Desportivo Cada entidade deve exigir aos seus atletas um atestado médico que os considere aptos para a prática desportiva, assim como ter um seguro de actividade (treinos). 7. Categorias De acordo com o Regulamento Geral da Federação Portuguesa da Natação, as idades devem ser completadas no ano civil em que termina a época. ESCALÕES MASCULINOS FEMININOS CADETES B 8,9,10 e 11 anos 8,9 e 10 anos CADETES A 12 anos 11 anos INFANTIS 13 e 14 anos 12 e 13 anos JUVENIS 15,16 anos 14 anos JUNIORES 17 e 18 anos 15 e 16 anos SENIORES 19 anos e mais velhos 17 anos e mais velhas 8. Confirmação de Inscrições Até 30 minutos antes da prova, é possível aos Clubes retirarem das listagens de chamada o nome dos seus nadadores que não estão presentes. 9. Penalizações 9.1. Por cada atleta inscrito, cujo nome não tenha sido retirado das listagens conforme o previsto no ponto 8 e que não compareça na respectiva prova, serão retirados 5 pontos à classificação colectiva desse Clube.

5 9.2. A todos os atletas que sejam desclassificados ser-lhes-á atribuído um P (presente) pela participação Por cada atleta que nade em provas em que não está inscrito, ou que nade em substituição de colegas de equipa, o respectivo clube será penalizado em 50 pontos e o atleta desclassificado Caso, durante o evento, se verifique qualquer incumprimento na constituição das equipas de estafetas, os respectivos clubes serão penalizados com a desqualificação da equipa e a penalização de 4 pontos na classificação final do Encontro. 10. Outras informações Os casos omissos nestas normas de participação, que possam surgir no decorrer dos Encontros, serão resolvidos pela organização (Divisão de Desporto e Gestão de Equipamentos da CMVFX) 11. Calendarização 1.º Encontro 15/01/2012 Piscinas Municipais de Vila Franca de Xira; 2.º Encontro 12/02/2012 Piscinas Municipais de Vila Franca de Xira; 3.º Encontro 25/03/2012 Piscinas Municipais de Vila Franca de Xira; 4.º Encontro 20/05/2012 Piscinas Municipais de Vila Franca de Xira; Programa de provas consultar anexo.

6 ANEXO

7 1º Encontro 15/01/2012 8h30 Entrada para os Balneários 9h00 Aquecimento 9h30 Inicio das provas Cadetes e Infantis Cad. A Cad. B Inf. 1.ª Prova 100 Costas Cad Feminino Federado 2.ª Prova 100 Costas Cad Feminino Não Federado ª Prova 100 Costas Cad Masculino Federado 4.ª Prova 100 Costas Cad Masculino Não Federado ª Prova 100 Costas Inf Feminino Federado 6.ª Prova 100 Costas Inf Feminino Não Federado ª Prova 100 Costas Inf Masculino Federado 8.ª Prova 100 Costas Inf Masculino Não Federado ª Prova 200 Bruços Inf Feminino Federado 10.ª Prova 200 Bruços Inf Feminino Não Federado ª Prova 200 Bruços Inf Masculino Federado 12.ª Prova 200 Bruços Inf Masculino Não Federado ª Prova 4x100 Livres Feminino Federado 14.ª Prova 4x100 Livres Feminino Não Federado 15.ª Prova 4x100 Livres Masculino Federado 16.ª Prova 4x100 Livres Masculino Não Federado Juvenis, Juniores e Seniores Juv. Jun. Sen. 17.ª Prova 400 Livres Feminino Federado 18.ª Prova 400 Livres Feminino Não Federado ª Prova 400 Livres Masculino Federado 20.ª Prova 400 Livres Masculino Não Federado ª Prova 100 Bruços Feminino Federado 22.ª Prova 100 Bruços Feminino Não Federado ª Prova 100 Bruços Masculino Federado 24.ª Prova 100 Bruços Masculino Não Federado ª Prova 4x50 Estilos Feminino Federado 26.ª Prova 4x50 Estilos Feminino Não Federado 27.ª Prova 4x50 Estilos Masculino Federado 28.ª Prova 4x50 Estilos Masculino Não Federado

8 2º Encontro 12/02/2012 8h30 Entrada para os Balneários 8h45 Aquecimento 9h30 Inicio das Provas Cadetes e Infantis Cad. A Cad. B Inf. 1.ª Prova 100 Livres Cad Feminino Federado 2.ª Prova 100 Livres Cad Feminino Não Federado ª Prova 100 Livres Cad Masculino Federado 4.ª Prova 100 Livres Cad Masculino Não Federado ª Prova 100 Livres Inf Feminino Federado 6.ª Prova 100 Livres inf Feminino Não Federado ª Prova 100 Livres Inf Masculino Federado 8.ª Prova 100 Livres inf Masculino Não Federado ª Prova 200 Costas Inf Feminino Federado 10.ª Prova 200 Costas Inf Feminino Não Federado ª Prova 200 Costas Inf Masculino Federado 12.ª Prova 200 Costas Inf Masculino Não Federado ª Prova 4x100 Estilos Feminino Federado 14.ª Prova 4x100 Estilos Feminino Não Federado 15.ª Prova 4x100 Estilos Masculino Federado 16.ª Prova 4x100 Estilos Masculino Não Federado Juvenis, Juniores e Seniores Juv. Jun. Sen. 17.ª Prova 200 Estilos Feminino Federado 18.ª Prova 200 Estilos Feminino Não Federado ª Prova 200 Estilos Masculino Federado 20.ª Prova 200 Estilos Masculino Não Federado ª Prova 50 Lv Feminino Federado 22.ª Prova 50 Lv Feminino Não Federado ª Prova 50 Lv Masculino Federado 24.ª Prova 50 Lv Masculino Não Federado ª Prova 4x100 Livres Feminino Federado 26.ª Prova 4x100 Livres Feminino Não Federado 27.ª Prova 4x100 Livres Masculino Federado 28.ª Prova 4x100 Livres Masculino Não Federado

9 3º Encontro 25/03/2012 8h30 Entrada para os Balneários 8h45 Aquecimento 9h30 Inicio das Provas Cadetes e Infantis Cad. A Cad. B Inf. 1.ª Prova 100 Bruços Feminino Federado 2.ª Prova 100 Bruços Feminino Não Federado ª Prova 100 Bruços Masculino Federado 4.ª Prova 100 Bruços Masculino Não Federado ª Prova 200 Livres Feminino Federado 6.ª Prova 200 Livres Feminino Não Federado ª Prova 200 Livres Masculino Federado 8.ª Prova 200 Livres Masculino Não Federado ª Prova 4x50 Estilos Feminino Federado 10.ª Prova 4x50 Estilos Feminino Não Federado 11.ª Prova 4x50 Estilos Masculino Federado 12.ª Prova 4x50 Estilos Masculino Não Federado Juvenis, Juniores e Seniores Juv. Jun. Sen. 13.ª Prova 100 Mariposa Feminino Federado 14.ª Prova 100 Mariposa Feminino Não Federado ª Prova 100 Mariposa Masculino Federado 16.ª Prova 100 Mariposa Masculino Não Federado ª Prova 200 Costas Feminino Federado 18.ª Prova 200 Costas Feminino Não Federado ª Prova 200 Costas Masculino Federado 20.ª Prova 200 Costas Masculino Não Federado ª Prova 4x50 Livres Feminino Federado 22.ª Prova 4x50 Livres Feminino Não Federado 23.ª Prova 4x50 Livres Masculino Federado 24.ª Prova 4x50 Livres Masculino Não Federado

10 4º Encontro 20/05/2012 8h30 Entrada para os Balneários 8h45 Aquecimento 9h30 Inicio das Provas Cadetes e Infantis Cad. A Cad. B Inf. 1.ª Prova 100 Estilos Feminino Federado 2.ª Prova 100 Estilos Feminino Não Federado ª Prova 100 Estilos Masculino Federado 4.ª Prova 100 Estilos Masculino Não Federado ª Prova 50 Mariposa Feminino Federado 6.ª Prova 50 Mariposa Feminino Não Federado ª Prova 50 Mariposa Masculino Federado 8.ª Prova 50 Mariposa Masculino Não Federado ª Prova 4x50 Estilos Feminino Federado 10.ª Prova 4x50 Estilos Feminino Não Federado 11.ª Prova 4x50 Estilos Masculino Federado 12.ª Prova 4x50 Estilos Masculino Não Federado Juvenis, Juniores e Seniores Juv. Jun. Sen. 13.ª Prova 100 Livres Feminino Federado 14.ª Prova 100 Livres Feminino Não Federado ª Prova 100 Livres Masculino Federado 16.ª Prova 100 Livres Masculino Não Federado ª Prova 50 Mariposa Feminino Federado 18.ª Prova 50 Mariposa Feminino Não Federado ª Prova 50 Mariposa Masculino Federado 20.ª Prova 50 Mariposa Masculino Não Federado ª Prova 4x100 Livres Feminino Federado 22.ª Prova 4x100 Livres Feminino Não Federado 23.ª Prova 4x100 Livres Masculino Federado 24.ª Prova 4x100 Livres Masculino Não Federado Vila Franca de Xira Novembro 2011

1 I MEETING INTERNACIONAL NATAÇÃO MASTER CLUBE FLUVIAL PORTUENSE

1 I MEETING INTERNACIONAL NATAÇÃO MASTER CLUBE FLUVIAL PORTUENSE 1 I MEETING INTERNACIONAL NATAÇÃO MASTER CLUBE FLUVIAL PORTUENSE 2 I MEETING INTERNACIONAL NATAÇÃO MASTER CLUBE FLUVIAL PORTUENSE PROGRAMA GERAL Organização: Clube Fluvial Portuense Local: Piscina do Clube

Leia mais

CAMPEONATO DE ESTRADA DO FAIAL

CAMPEONATO DE ESTRADA DO FAIAL 1 INDICE Competição Pág. CAMPEONATO DE ESTRADA DO FAIAL 3 TAÇA ADIF VEL/BARR E TAÇA ADIF SALTOS 4 1ª PROVA OBSERVAÇÃO INVERNO ADIF + TORNEIO DE BENJAMINS 6 CAMPEONATO CORTA-MATO DO FAIAL 1ª 7 TORNEIO DE

Leia mais

REGIMENTO ESPECÍFICO BASQUETEBOL. Câmara Municipal de Lisboa e Juntas de Freguesia Olisipíadas 2ª edição

REGIMENTO ESPECÍFICO BASQUETEBOL. Câmara Municipal de Lisboa e Juntas de Freguesia Olisipíadas 2ª edição REGIMENTO ESPECÍFICO BASQUETEBOL Câmara Municipal de Lisboa e Juntas de Freguesia Olisipíadas 2ª edição Índice Preâmbulo 5 Artigo 1.º Escalões Etários, Dimensões do Campo, Bola, Tempo de Jogo e Variantes

Leia mais

[Type text] [Type text] [Type text]

[Type text] [Type text] [Type text] [Type text] [Type text] [Type text] REGULAMENTO DE COMPETIÇÕES NACIONAIS 2015-2016 REGULAMENTO DE COMPETIÇÕES NACIONAIS DISPOSIÇÕES GERAIS 1 [Type text] [Type text] [Type text] Índice DISPOSIÇÕES GERAIS...

Leia mais

Meeting Natação Masters 2015

Meeting Natação Masters 2015 ORGANIZAÇÃO E REALIZAÇÃO ART. 1º - O Meeting Natação é uma competição do calendário oficial da MG ESPORTES, de acordo com o presente regulamento e com as regras da FINA e ABMN. ART. 2º - O Meeting Natação

Leia mais

MUNICÍPIOS DA PENÍNSULA DE SETÚBAL ASSOCIAÇÕES ESCOLAS JOGOS DO FUTURO DA REGIÃO DE SETÚBAL 2016 BASQUETEBOL REGULAMENTO

MUNICÍPIOS DA PENÍNSULA DE SETÚBAL ASSOCIAÇÕES ESCOLAS JOGOS DO FUTURO DA REGIÃO DE SETÚBAL 2016 BASQUETEBOL REGULAMENTO JOGOS DO FUTURO DA REGIÃO DE SETÚBAL 2016 BASQUETEBOL REGULAMENTO 1. Organização A organização da competição de Basquetebol dos Jogos do Futuro da Região de Setúbal 2016 é da responsabilidade da Câmara

Leia mais

VI FESTIVAL DE XADREZ DE GAIA. Academia de Xadrez de Gaia - Organização de Actividades (em parceria) A decorrer em Vila Nova de Gaia

VI FESTIVAL DE XADREZ DE GAIA. Academia de Xadrez de Gaia - Organização de Actividades (em parceria) A decorrer em Vila Nova de Gaia VI FESTIVAL DE XADREZ DE GAIA Academia de Xadrez de Gaia - Organização de Actividades (em parceria) A decorrer em Vila Nova de Gaia IX PROFIGAIA OPEN de 18 a 26 de Julho (GaiaHotel ****) 3º TORNEIO INTERNACIONAL

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE VOLEIBOL XIRA 2016

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE VOLEIBOL XIRA 2016 REGULAMENTO ESPECÍFICO DE VOLEIBOL XIRA 2016 ÍNDICE INTRODUÇÃO... 3 REGULAMENTO DO VOLEIBOL DE PAVILHÃO... 4 2. INSCRIÇÕES... 4 3. ESCALÕES ETÁRIOS / TEMPO DE JOGO... 4 4. CONSTITUIÇÃO / IDENTIFICAÇÃO

Leia mais

Condições de Filiação 2016 (Anexo ao Regulamento Administrativo)

Condições de Filiação 2016 (Anexo ao Regulamento Administrativo) Condições de Filiação 2016 (Anexo ao Regulamento Administrativo) DOS ESTATUTOS: Artigo 15º, Nº1 Adquirem a qualidade de Associados as Entidades referidas nos artigos 11º e 12º destes Estatutos, através

Leia mais

BASQUETEBOL. www.inatel.pt

BASQUETEBOL. www.inatel.pt NORMAS ESPECIFICAS www.inatel.pt NORMAS ESPECÍFICAS As normas específicas são regras estabelecidas pela Direção Desportiva, em complemento do Código Desportivo, para as provas organizadas pela Fundação

Leia mais

Projecto Mega Sprinter. Federação Portuguesa de Atletismo Ministério da Educação - Desporto Escolar PROJECTO

Projecto Mega Sprinter. Federação Portuguesa de Atletismo Ministério da Educação - Desporto Escolar PROJECTO Federação Portuguesa de Atletismo Ministério da Educação - Desporto Escolar PROJECTO SETEMBRO 2004 1 ESCALÕES ETÁRIOS ESCALÃO ÉPOCAS 2004/2005 2005/2006 2006/2007 2007/2008 INFANTIS A 94/95 95/96 96/97

Leia mais

3º SÃO SILVESTRE DA BATALHA

3º SÃO SILVESTRE DA BATALHA 3º SÃO SILVESTRE DA BATALHA 26 DE DEZEMBRO 2015 17HOO REGULAMENTO GERAL 1ºORGANIZAÇÃO O Atlético Clube da Batalha - ACB com parceria com a Câmara Municipal Batalha leva a efeito no dia 26 de Dezembro de

Leia mais

Regulamento do Concurso de FOTOGRAFIA

Regulamento do Concurso de FOTOGRAFIA Évora 2005 Regulamento do Concurso de FOTOGRAFIA ENQUADRAMENTO O concurso AS PROFISSÕES DA MINHA COMUNIDADE é um concurso integrado no evento a decorrer de 13 a 15 de Abril de 2005, em Évora, organizado

Leia mais

Introdução. Em todas as situações omissas, a FGP é soberana.

Introdução. Em todas as situações omissas, a FGP é soberana. Calendário de Competições de Ginástica Rítmica 2008/2009 Introdução O presente documento regulamenta os princípios orientadores de participação de todos os intervenientes (Associações e Clubes) nas Competições

Leia mais

REGULAMENTO DO AUTOCARRO E CARRINHA

REGULAMENTO DO AUTOCARRO E CARRINHA REGULAMENTO DO AUTOCARRO E CARRINHA REGULAMENTO DE UTILIZAÇÃO DO AUTOCARRO E CARRINHA DE NOVE LUGARES Preâmbulo Tendo em conta a nova realidade politica administrativa existente no território da União

Leia mais

1ªCorrida e Caminhada Solidária

1ªCorrida e Caminhada Solidária 1ªCorrida e Caminhada Solidária Regulamento 1.Numa organização dos Bombeiros Voluntários de Cantanhede, realiza-se no dia 21 de Junho de 2014, com início às 17.30 horas a 1ª corrida e caminhada solidária.

Leia mais

REGULAMENTO DESPORTIVO

REGULAMENTO DESPORTIVO ASSOCIAÇÃO REGIONAL DE NATAÇÃO DO NORDESTE NATAÇÃO PURA REGULAMENTO DESPORTIVO ÉPOCA 2014/2015 Conteúdo Índice... 2 Disposições Gerais.... 3 Calendário de Provas e Estágios.... 5 Torneio de Abertura...

Leia mais

I Olimpíadas da Economia

I Olimpíadas da Economia I Olimpíadas da Economia Regulamento Capítulo I Disposições Gerais Artigo 1º Âmbito 1. O presente regulamento estabelece um conjunto de normas e orientações gerais sobre as I Olimpíadas da Economia (doravante

Leia mais

3ª Copa Interestadual de Tênis de Mesa Pernambuco 2014

3ª Copa Interestadual de Tênis de Mesa Pernambuco 2014 3ª Copa Interestadual de Tênis de Mesa Pernambuco 2014 A Federação Pernambucana de Tênis de Mesa, tem a honra de convidar a todos os Atletas, Técnicos e Dirigentes de Federações e Clubes filiados a CBTM,

Leia mais

INFORMAÇÕES PARA CONVTE DE EVENTOS

INFORMAÇÕES PARA CONVTE DE EVENTOS INFORMAÇÕES PARA CONVTE DE EVENTOS 1. Nome do evento; 2. Data/período; 3. Local (endereço completo); 4. Organização; 5. Patrocinadores; 6. Apoiadores; 7. Programação (horário, distâncias e categorias);

Leia mais

Universidade Federal do Rio de Janeiro Campus Macaé Professor Aloísio Teixeira Coordenação de Pesquisa e Coordenação de Extensão

Universidade Federal do Rio de Janeiro Campus Macaé Professor Aloísio Teixeira Coordenação de Pesquisa e Coordenação de Extensão Universidade Federal do Rio de Janeiro Campus Macaé Professor Aloísio Teixeira Coordenação de Pesquisa e Coordenação de Extensão EDITAL nº 1 Coordenação de Pesquisa/Coordenação de Extensão 2016 VIII JORNADA

Leia mais

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TÉNIS DE MESA TABELA DE ENCARGOS

FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TÉNIS DE MESA TABELA DE ENCARGOS FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE TÉNIS DE MESA TABELA DE ENCARGOS ÉPOCA 2015/2016 Ténis de Mesa MODALIDADE OLÍMPICA TABELA DE ENCARGOS PARA 2015/2016 1. CAUÇÃO Valor da caução a enviar à FPTM por cheque pelos Clubes

Leia mais

1. Objectivo. 2. Destinatários. 3. Localização. 4. Horário de funcionamento. 5. Montagem e desmontagem. 6. Condições. 7.

1. Objectivo. 2. Destinatários. 3. Localização. 4. Horário de funcionamento. 5. Montagem e desmontagem. 6. Condições. 7. F e i r a d e P r o d u t o s R e g i o n a i s 2 0 1 3 - Regulamento A Feira de Produtos Regionais, inserida no programa da Feira das Colheitas de Arouca, irá decorrer entre os dias 26 e 29 de Setembro.

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO JERNS JEES 2015

REGULAMENTO ESPECÍFICO JERNS JEES 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO BASQUETEBOL JERNS JEES 2015 1 REGULAMENTO ESPECÍFICO BASQUETEBOL JERNS JEES 2015 CATEGORIA MIRIM 1. A Competição de Basquetebol será realizada de acordo com as regras oficiais da

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO XADREZ 2013-2017

REGULAMENTO ESPECÍFICO XADREZ 2013-2017 REGULAMENTO ESPECÍFICO XADREZ 2013-2017 ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO P.2 2. ESCALÕES ETÁRIOS P.3 3. CONSTITUIÇÃO DAS EQUIPAS P.3 4. REGULAMENTO TÉCNICO-PEDAGÓGICO P.3 4.1. FASE LOCAL P.4 4.2. FASE REGIONAL P.5

Leia mais

REGULAMENTO DE PROVA OFICIAL VOLEIBOL XXI TNG

REGULAMENTO DE PROVA OFICIAL VOLEIBOL XXI TNG REGULAMENTO DE PROVA OFICIAL Voleibol Misto I. DISPOSIÇÕES INICIAIS Artigo 1º Âmbito O estipulado neste Regulamento define como se rege a modalidade de Voleibol Misto no XXI Torneio Internacional Prof.

Leia mais

TAÇA DE PORTUGAL DE CORRIDA EM MONTANHA

TAÇA DE PORTUGAL DE CORRIDA EM MONTANHA TAÇA DE PORTUGAL DE CORRIDA EM MONTANHA A Federação Portuguesa de Atletismo vai promover a realização da 13ª Taça de Portugal de Corrida de Montanha, Associação de Atletismo de Região Autónoma da Madeira,

Leia mais

REGULAMENTO E CALENDÁRIO DISTRITAL DE NATAÇÃO PURA

REGULAMENTO E CALENDÁRIO DISTRITAL DE NATAÇÃO PURA ÉPOCA 2014-15 REGULAMENTO E CALENDÁRIO DISTRITAL DE NATAÇÃO PURA APROVADO PELA FPN EM 16 DE OUTUBRO DE 2014 Rua Garcia da Mata, 20-2300-494 TOMAR Tel. 249323268 / 919069455 / 964813669 Fax 249324960 Pág

Leia mais

ACADEMIA DE INSTRUÇÃO E RECREIO FAMILIAR ALMADENSE

ACADEMIA DE INSTRUÇÃO E RECREIO FAMILIAR ALMADENSE ACADEMIA DE INSTRUÇÃO E RECREIO FAMILIAR ALMADENSE REGULAMENTO 2 Festival da Canção Infantil e Juvenil "Musicalmadense" REGULAMENTO Artigo 1 (Natureza e Fim) O Festival da Canção Infantil e Juvenil " MusicAlmadense"

Leia mais

1ª MILHA URBANA ALBERTO CHAÍÇA 29 de maio de 2016.

1ª MILHA URBANA ALBERTO CHAÍÇA 29 de maio de 2016. TROFÉU ALMADA 2016 EM ATLETISMO 1ª MILHA URBANA ALBERTO CHAÍÇA 29 de maio de 2016. Início: 09H30, Rua Moinho ao Raposo, Junto às instalações da Biblioteca Maria Lamas REGULAMENTO DA PROVA Organização:

Leia mais

I MOSTRA ARTE E SUSTENTABILIDADE

I MOSTRA ARTE E SUSTENTABILIDADE EDITAL nº 01/2015 1. ORGANIZAÇÃO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO I MOSTRA ARTE E SUSTENTABILIDADE A I Mostra Arte e Sustentabilidade é uma exposição de trabalhos artísticos, sem fins lucrativos, produzida e dirigida

Leia mais

Orçamento Participativo de Vila Nova de Cerveira

Orçamento Participativo de Vila Nova de Cerveira Orçamento Participativo de Vila Nova de Cerveira PREÂMBULO Os Orçamentos Participativos são símbolos de importância da participação dos cidadãos na sociedade democrática, neste sentido a Câmara Municipal

Leia mais

EDITAL PARA INSCRIÇÃO DE TRABALHOS NO III CURSO DE EXTENSÃO SOBRE O TRABALHO DO ASSISTENTE SOCIAL NA EDUCAÇÃO DO IFMG

EDITAL PARA INSCRIÇÃO DE TRABALHOS NO III CURSO DE EXTENSÃO SOBRE O TRABALHO DO ASSISTENTE SOCIAL NA EDUCAÇÃO DO IFMG EDITAL PARA INSCRIÇÃO DE TRABALHOS NO III CURSO DE EXTENSÃO SOBRE O TRABALHO DO ASSISTENTE SOCIAL NA EDUCAÇÃO DO IFMG 1. DO OBJETIVO Promover concurso de trabalhos a serem apresentados nas formas de pôster

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE BASQUETEBOL

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE BASQUETEBOL REGULAMENTO ESPECÍFICO DE BASQUETEBOL 2009-2013 ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 3 2. ESCALÕES ETÁRIOS/ BOLA DE JOGO/DURAÇÃO DE JOGO... 4 3. CONSTITUIÇÃO DA EQUIPA... 5 4.ARBITRAGEM... 6 5. CLASSIFICAÇÃO/ PONTUAÇÃO/DESEMPATE...

Leia mais

1º G. P. ATLETISMO BRAGA PRISCOS

1º G. P. ATLETISMO BRAGA PRISCOS 1º G. P. ATLETISMO BRAGA PRISCOS 1. ORGANIZAÇÃO, DATA E OBJETIVOS Numa organização da Junta de Freguesia de Priscos, com o apoio da Câmara Municipal de Braga e da Associação de Atletismo de Braga vai realizar-se

Leia mais

ENQUADRAMENTO DO VOLUNTARIADO NA UNIVERSIDADE DE AVEIRO

ENQUADRAMENTO DO VOLUNTARIADO NA UNIVERSIDADE DE AVEIRO ENQUADRAMENTO DO VOLUNTARIADO NA UNIVERSIDADE DE AVEIRO Considerando: O relevo formativo, social, cultural e cívico do voluntariado e o papel importante que a Universidade de Aveiro (UA) pode desempenhar

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE BASQUETEBOL

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE BASQUETEBOL Índice 1. Introdução 3 2. Escalões Etários/Bola de Jogo/Duração de Jogo 3 3. Constituição da Equipa 4 4. Classificação/Pontuação 4 5. Arbitragem 5 6. Mesa de Secretariado 6 7. Regulamento Técnico-Pedagógico

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE BASQUETEBOL 2009-2013 DESPORTO ESCOLAR

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE BASQUETEBOL 2009-2013 DESPORTO ESCOLAR REGULAMENTO ESPECÍFICO DE BASQUETEBOL 2009-2013 DESPORTO ESCOLAR ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO...3 2. ESCALÕES ETÁRIOS/ BOLA DE JOGO/DURAÇÃO DE JOGO...4 3. CONSTITUIÇÃO DA EQUIPA...5 4. ARBITRAGEM...6 5. CLASSIFICAÇÃO/

Leia mais

Regulamento Interno Férias Desportivas Verão 15

Regulamento Interno Férias Desportivas Verão 15 2015 Regulamento Interno Férias Desportivas Verão 15 Junta de Freguesia de Fermentelos Índice NOTA JUSTIFICATIVA... 2 CAPÍTULO I... 3 Missão... 3 Artigo 1º... 3 CAPÍTULO II... 3 Objeto... 3 Artigo 2º...

Leia mais

REGULAMENTO. Campanha Pré-Compra do Galaxy S7 edge S7. 1. Definições

REGULAMENTO. Campanha Pré-Compra do Galaxy S7 edge S7. 1. Definições REGULAMENTO Campanha Pré-Compra do Galaxy S7 edge S7 1. Definições 1.1. Campanha : Iniciativa da Promotora sob a denominação Pré-Compra do Galaxy S7 edge S7 que visa promover os Smartphones Samsung Galaxy

Leia mais

Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão IFMA Diretoria de Educação a Distância

Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão IFMA Diretoria de Educação a Distância Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão IFMA Diretoria de Educação a Distância Edital n 014/2010 DEAD / IFMA Seleção Simplificada

Leia mais

OBJETIVO REGULAMENTO. 1. Da Participação

OBJETIVO REGULAMENTO. 1. Da Participação OBJETIVO O Prêmio mantra Brasil Design de Interiores tem por objetivo oferecer aos participantes o reconhecimento aos seus trabalhos e destaque no mercado. Com esta iniciativa queremos divulgar a diversidade

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE TÉNIS XIRA 2015

REGULAMENTO ESPECÍFICO DE TÉNIS XIRA 2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO DE TÉNIS XIRA 2015 ÍNDICE INTRODUÇÃO... 3 INSCRIÇÕES... 4 DATAS E LOCAIS DOS ENCONTROS 4 ESCALÕES ETÁRIOS/DURAÇÃO DE JOGO... 4 CONSTITUIÇÃO DA EQUIPA... Erro! Marcador não definido.

Leia mais

TRAVESSIA DA CIDADE DE PENEDO PERCURSO 3.500m INFANTIL A SENIOR

TRAVESSIA DA CIDADE DE PENEDO PERCURSO 3.500m INFANTIL A SENIOR TRAVESSIA DA CIDADE DE PENEDO PERCURSO 3.500m INFANTIL A SENIOR Data: 10 de janeiro de 2016 (domingo) Local: Rio São Francisco (Penedo) Percurso: 3.500 metros (Infantil a Senior) Data limite de inscrição:

Leia mais

REGULAMENTO 3ª EDIÇÃO DO CONCURSO EDP LIVE BANDS 16

REGULAMENTO 3ª EDIÇÃO DO CONCURSO EDP LIVE BANDS 16 REGULAMENTO 3ª EDIÇÃO DO CONCURSO EDP LIVE BANDS 16 01. Âmbito 02. Participação 03. Cronograma do concurso 04. Inscrição no concurso 05. Votação e Seleção de semifinalistas 06. Semifinal 07. Votação e

Leia mais

Regulamento do Torneio A Copa do Guadiana

Regulamento do Torneio A Copa do Guadiana Regulamento do Torneio A Copa do Guadiana 1. - APRESENTAÇÃO A IIIª Edição de A Copa do Guadiana realiza-se nas instalações do Complexo Desportivo de Vila Real Santo António (Algarve), nas instalações do

Leia mais

ÉPOCA DESPORTIVA 2010-2011 SEGURO DESPORTIVO DE GRUPO (OBRIGATÓRIO) ( JOGADORES E AGENTES DESPORTIVOS )

ÉPOCA DESPORTIVA 2010-2011 SEGURO DESPORTIVO DE GRUPO (OBRIGATÓRIO) ( JOGADORES E AGENTES DESPORTIVOS ) ÉPOCA DESPORTIVA 2010-2011 SEGURO DESPORTIVO DE GRUPO (OBRIGATÓRIO) ( JOGADORES E AGENTES DESPORTIVOS ) Para conhecimento dos Sócios Ordinários, Clubes, SAD s e demais interessados, passamos a informar:

Leia mais

REGULAMENTO CONCURSO DE FOTOGRAFIA AMADOR Cacique Doble Semana da Pátria 2015

REGULAMENTO CONCURSO DE FOTOGRAFIA AMADOR Cacique Doble Semana da Pátria 2015 REGULAMENTO CONCURSO DE FOTOGRAFIA AMADOR Cacique Doble Semana da Pátria 2015 SUSTENTABILIDADE: Meu jeito de ver o mundo APRESENTAÇÃO O Concurso de Fotografia Amador SUSTENTABILIDADE: Meu jeito de ver

Leia mais

1º Concurso de Bandas de Garagem da Associação de Estudantes da Escola Superior Agrária de Viseu

1º Concurso de Bandas de Garagem da Associação de Estudantes da Escola Superior Agrária de Viseu 1º Concurso de Bandas de Garagem da Associação de Estudantes da Escola Superior Agrária de Viseu Ficha de inscrição *Nome do projecto musical: Idade do projecto: anos e meses *Cidade de origem: *Género

Leia mais

EDITAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DA FACULDADE MULTIVIX- VITÓRIA 003/2016 ALTERADO EM 14/06/2016

EDITAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DA FACULDADE MULTIVIX- VITÓRIA 003/2016 ALTERADO EM 14/06/2016 EDITAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DA FACULDADE MULTIVIX- VITÓRIA 003/2016 ALTERADO EM 14/06/2016 Chamada para submissão de Projetos de Iniciação Científica e Tecnológica A Direção Geral da FACULDADE

Leia mais

Regulamento Específico de Atletismo

Regulamento Específico de Atletismo Regulamento Específico de Atletismo ÍNDICE 1. INTRODUÇÃO... 3 2. ESCALÕES ETÁRIOS... 4 3. DISCIPLINAS... 4 4. PARTICIPAÇÃO / INSCRIÇÃO... 4 5. CONSTITUIÇÃO DA EQUIPA DE AJUIZAMENTO... 5 6. REGULAMENTO

Leia mais

Capítulo I Disposições Gerais

Capítulo I Disposições Gerais Regulamento Municipal do Banco Local de Voluntariado de Marco de Canaveses Preâmbulo A Lei n.º 71/98, de 3 de Novembro, estabelece as bases do enquadramento jurídico do voluntariado, visando promover e

Leia mais

D-Francoforte no Meno: Aluguer de salas de reuniões e conferências 2013/S 059-096665. Anúncio de concurso. Serviços

D-Francoforte no Meno: Aluguer de salas de reuniões e conferências 2013/S 059-096665. Anúncio de concurso. Serviços 1/5 O presente anúncio no sítio web do TED: http://ted.europa.eu/udl?uri=ted:notice:96665-2013:text:pt:html D-Francoforte no Meno: Aluguer de salas de reuniões e conferências 2013/S 059-096665 Anúncio

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO BASQUETEBOL. (Revisto em Setembro de 2014)

REGULAMENTO ESPECÍFICO BASQUETEBOL. (Revisto em Setembro de 2014) REGULAMENTO ESPECÍFICO BASQUETEBOL 2013 2017 (Revisto em Setembro de 2014) Índice 1. Introdução 2 2. Escalões etários 3 3. Constituição das Equipas 4 4. Regulamento Técnico Pedagógico 5 5. Classificação,

Leia mais

3º Prova ÁGUAS ABERTAS Fluviário de Mora. Açude do Gameiro Mora 12 Julho de 2015

3º Prova ÁGUAS ABERTAS Fluviário de Mora. Açude do Gameiro Mora 12 Julho de 2015 3º Prova ÁGUAS ABERTAS Fluviário de Mora Açude do Gameiro Mora 12 Julho de 2015 1. Organização Município de Mora. 2. Apoios Associação de Natação do Alentejo Bombeiros Voluntários de Mora Fluviário de

Leia mais

CAMPEONATO PAULISTA DE PRECISÃO DE ATERRAGEM II COPA BRASIL DE PRECISÃO DE ATERRAGEM

CAMPEONATO PAULISTA DE PRECISÃO DE ATERRAGEM II COPA BRASIL DE PRECISÃO DE ATERRAGEM CAMPEONATO PAULISTA DE PRECISÃO DE ATERRAGEM II COPA BRASIL DE PRECISÃO DE ATERRAGEM Vera Cruz SP, de 19 a 22 Jun 2014 Boletim Informativo 002 A. Finalidade Regulamentar as provas e as atividades a serem

Leia mais

REGULAMENTO DO ARQUIVO MUNICIPAL DE FRONTEIRA

REGULAMENTO DO ARQUIVO MUNICIPAL DE FRONTEIRA REGULAMENTO DO ARQUIVO MUNICIPAL DE FRONTEIRA Preâmbulo No processamento da política de reorganização dos serviços municipais e no caso particular do Arquivo do Município de Fronteira, pretende-se com

Leia mais

PRÊMIO SER HUMANO ABRH/MA REGULAMENTO 2016 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS / ORGANIZAÇÃO

PRÊMIO SER HUMANO ABRH/MA REGULAMENTO 2016 MODALIDADE: GESTÃO DE PESSOAS / ORGANIZAÇÃO Página 1 A. OBJETIVO A.1. O Prêmio Ser Humano ABRH/MA - Modalidade Gestão de Pessoas - Organização, premia os cases ou projetos implantados em organizações, relativos à gestão ou desenvolvimento dos seres

Leia mais

V Prova de Águas Abertas. Barragem dos Minutos Montemor-o-Novo 2 Junho de 2012

V Prova de Águas Abertas. Barragem dos Minutos Montemor-o-Novo 2 Junho de 2012 V Prova de Águas Abertas Barragem dos Minutos Montemor-o-Novo 2 Junho de 2012 1. Organização Município de Montemor-o-Novo. 2. Apoios Associação de Natação do Alentejo Bombeiros Voluntários de Montemor-o-Novo

Leia mais

REGULAMENTO DA ORGANIZAÇÃO E CONCESSÃO TRANSPORTES ESCOLARES NOTA JUSTIFICATIVA

REGULAMENTO DA ORGANIZAÇÃO E CONCESSÃO TRANSPORTES ESCOLARES NOTA JUSTIFICATIVA REGULAMENTO DA ORGANIZAÇÃO E CONCESSÃO TRANSPORTES ESCOLARES NOTA JUSTIFICATIVA Considerando - Que a Educação é um direito de todos, cabendo ao Estado promover a sua democratização, bem como as condições

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 02/2014

RESOLUÇÃO Nº 02/2014 RESOLUÇÃO Nº 02/2014 O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente - CMDCA, no uso das atribuições que lhe confere a Lei Federal 8.069/1990, da Lei Municipal 1.261 de 16/03/2005 - com as

Leia mais

Anexo 1 FUNDAÇÃO MACAU. Regulamento de Atribuição da. Bolsa para Estudos sobre Macau. Artigo 1.º. Objecto

Anexo 1 FUNDAÇÃO MACAU. Regulamento de Atribuição da. Bolsa para Estudos sobre Macau. Artigo 1.º. Objecto Anexo 1 FUNDAÇÃO MACAU Regulamento de Atribuição da Bolsa para Estudos sobre Macau Artigo 1.º Objecto O presente Regulamento define as regras de atribuição da Bolsa para Estudos sobre Macau, adiante designada

Leia mais

Seminário Rugby Juvenil

Seminário Rugby Juvenil Seminário Rugby Juvenil Lisboa, 29 Outubro 2005 Escola de Rugby Projecto Operacional Formar e competir, sem formação todos os projectos futuros serão postos em causa. Sem competição não poderá haver progresso

Leia mais

REGULAMENTO. 2 - DO PERCURSO - O percurso será de 8 km, 4 km e 1 km (infanto-juvenil). (consultar site: www.veloxsports.com.br)

REGULAMENTO. 2 - DO PERCURSO - O percurso será de 8 km, 4 km e 1 km (infanto-juvenil). (consultar site: www.veloxsports.com.br) REGULAMENTO O EVENTO DIA DE SAÚDE, será um evento esportivo com o objetivo de conscientizar a população de um modo geral para a preocupação dos benefícios de uma prática esportiva. Será uma iniciativa

Leia mais

ATLETISMO ESTAFETA NOTURNA. 21 de Maio de 2016 20 Horas. Organização: Ares do Pinhal Associação para a Inclusão Social

ATLETISMO ESTAFETA NOTURNA. 21 de Maio de 2016 20 Horas. Organização: Ares do Pinhal Associação para a Inclusão Social ATLETISMO ESTAFETA NOTURNA Corrida Ares do Pinhal Prof. José Maia Marques 21 de Maio de 2016 20 Horas Organização: Ares do Pinhal Associação para a Inclusão Social Com o apoio da Câmara Municipal de Mação,

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DA GINÁSTICA ARTÍSTICA JERNS 2014

REGULAMENTO ESPECÍFICO DA GINÁSTICA ARTÍSTICA JERNS 2014 GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE SECRETARIA DE ESTADO, DA EDUCAÇÃO E DA CULTURA. COORDENADORIA DE DESPORTOS DESPORTO ESCOLAR CODESP REGULAMENTO ESPECÍFICO DA GINÁSTICA ARTÍSTICA JERNS 2014 Art.

Leia mais

Bombeiros voluntários de S.B. Messines Grupo cultura e desporto

Bombeiros voluntários de S.B. Messines Grupo cultura e desporto REGULAMENTO DO 2º TRAILL RUNINGBOMBEIROS DE MESSINES DESCRIÇÃO O 2º TRAILL RUNING BOMBEIROS DE MESSINES é um evento desportivo organizado pelo grupo de cultura e desporto dos bombeiros voluntários de S.B.

Leia mais

Emissão Original: 04/12/13

Emissão Original: 04/12/13 COPA VERDE/2014 REGULAMENTO ESPECÍFICO DA COMPETIÇÃO CAPÍTULO I Da Denominação e Participação Art. 1º A Copa Verde de 2014, doravante denominada Copa, é regida por dois regulamentos mutuamente complementares

Leia mais

Regulamento Concurso de Fotografia. Índice

Regulamento Concurso de Fotografia. Índice Índice 1 - Designação...3 2 - Objectivos...3 3 - Público - alvo...3 4 - Natureza dos trabalhos...4 5 - Condições de candidatura...4 6 - Prazos...5 7 - Júri...5 8 - Exposição...6 9 - Prémio...5 10 - Publicação

Leia mais

Local: Clube Hípico Valongo Data: de 15/10 a 16/10/2011. Morada: CLUBE HIPÍCO VALONGO Telm.: (+351) 914439226 RUA DA MOURAMA, 50 (+351) 917583869

Local: Clube Hípico Valongo Data: de 15/10 a 16/10/2011. Morada: CLUBE HIPÍCO VALONGO Telm.: (+351) 914439226 RUA DA MOURAMA, 50 (+351) 917583869 Concurso de Saltos Local: Clube Hípico Valongo Data: de 15/10 a 16/10/ CONDIÇÕES GERAIS Este Concurso realiza-se de acordo com: - Estatutos da FEP, aprovados em 23 de Junho de 2010, - Regulamento Geral,

Leia mais

Normas do Programa Municipal de Férias e Tempos Livres para Crianças e Jovens do Concelho de Aljustrel

Normas do Programa Municipal de Férias e Tempos Livres para Crianças e Jovens do Concelho de Aljustrel MUNICÍPIO DE ALJUSTREL CÂMARA MUNICIPAL Normas do Programa Municipal de Férias e Tempos Livres para Crianças e Jovens do Concelho de Aljustrel 1- Definição a) O Programa Municipal de Férias e Tempos livres

Leia mais

REGULAMENTO DO CONCURSO DE FOTOGRAFIA

REGULAMENTO DO CONCURSO DE FOTOGRAFIA Da natureza, nada se tira a não ser fotos, nada se deixa além de pegadas e nada se leva além de lembranças. REGULAMENTO DO CONCURSO DE FOTOGRAFIA Enquadramento O Concurso fotografia Natureza em Destaque

Leia mais

2.1. As inscrições deverão ser realizadas através do preenchimento do formulário de inscrição previsto no seguinte link:

2.1. As inscrições deverão ser realizadas através do preenchimento do formulário de inscrição previsto no seguinte link: A FACULDADE ESTÁCIO DE FLORIANÓPOLIS (ESTÁCIO FLORIANÓPOLIS) E O CENTRO UNIVERSITÁRIO ESTÁCIO DE SANTA CATARINA (ESTÁCIO SANTA CATARINA) divulgam processo seletivo para formação de cadastro de reserva

Leia mais

NORMATIZAÇÃO DE ESTÁGIO DOS CURSOS DE LICENCIATURA

NORMATIZAÇÃO DE ESTÁGIO DOS CURSOS DE LICENCIATURA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUL DE MINAS GERAIS NORMATIZAÇÃO DE ESTÁGIO DOS CURSOS DE LICENCIATURA outubro/2010

Leia mais

Copa Marista Internacional de Ginástica Rítmica. 26 a 29 de novembro de 2015

Copa Marista Internacional de Ginástica Rítmica. 26 a 29 de novembro de 2015 Copa Marista Internacional de Ginástica Rítmica 26 a 29 de novembro de 2015 O Colégio Marista em parceria com a GORBA tem a grata satisfação de convidar V.Sª. para participar da Copa Marista Internacional

Leia mais

REGIMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU: ESPECIALIZAÇÃO EM ENSINO DE CIÊNCIAS Educar pela Pesquisa CAPÍTULO 1 DA ORGANIZAÇÃO GERAL

REGIMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU: ESPECIALIZAÇÃO EM ENSINO DE CIÊNCIAS Educar pela Pesquisa CAPÍTULO 1 DA ORGANIZAÇÃO GERAL REGIMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU: ESPECIALIZAÇÃO EM ENSINO DE CIÊNCIAS Educar pela Pesquisa CAPÍTULO 1 DA ORGANIZAÇÃO GERAL Art. 1 - O curso de Pós-Graduação Lato Sensu Especialização em

Leia mais

REGULAMENTO VI COPA LOC GAMES DE FUTEBOL DIGITAL

REGULAMENTO VI COPA LOC GAMES DE FUTEBOL DIGITAL 1. AGRADECIMENTOS REGULAMENTO VI COPA LOC GAMES DE FUTEBOL DIGITAL Sem parceria e muita dedicação de pessoas e empresas envolvidas, esse projeto não seria possível, por isso, nossos sinceros agradecimentos

Leia mais

JOGOS MUNICIPAIS 2015 REGULAMENTO

JOGOS MUNICIPAIS 2015 REGULAMENTO JOGOS MUNICIPAIS 2015 REGULAMENTO PARTICIPAÇÃO Podem participar munícipes federados ou não federados, em representação de clubes, grupos informais e a título individual, de acordo com o regulamento específico

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM FITOTECNIA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM FITOTECNIA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM FITOTECNIA PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NO PRIMEIRO SEMESTRE LETIVO DE 2016 A coordenadora do programa de pós-graduação em Fitotecnia da Universidade

Leia mais

Regulamento Erasmus. Cap. I Disposição geral. Artigo 1º (Objecto)

Regulamento Erasmus. Cap. I Disposição geral. Artigo 1º (Objecto) Regulamento Erasmus Cap. I Disposição geral Artigo 1º (Objecto) O presente Regulamento rege a mobilidade de estudantes ao abrigo do Programa Erasmus/Socrates, no curso de licenciatura da Escola de Direito

Leia mais

ESTÁGIO SUPERVISIONADO

ESTÁGIO SUPERVISIONADO ESTÁGIO SUPERVISIONADO MANUAL DO ESTAGIÁRIO JULHO 2015 abatista@fatecbt.edu.br 03 a 14/08/2015 Matrícula de Estágio Supervisionado para os alunos que não constam no SIGA. 03 a 14/08/2015 Confirmação da

Leia mais

IV ENCONTRO DE PSICOLOGIA CUIDADOS PALIATIVOS: RESSIGNIFICANDO A PERDA, A MORTE E O MORRER 31 de Maio a 02 de Junho

IV ENCONTRO DE PSICOLOGIA CUIDADOS PALIATIVOS: RESSIGNIFICANDO A PERDA, A MORTE E O MORRER 31 de Maio a 02 de Junho IV ENCONTRO DE PSICOLOGIA CUIDADOS PALIATIVOS: RESSIGNIFICANDO A PERDA, A MORTE E O MORRER 31 de Maio a 02 de Junho EDITAL INSCRIÇÃO DE TRABALHOS A Coordenação do curso de Psicologia da Faculdade Vale

Leia mais

NORMA DE ELABORAÇÃO DE INSTRUMENTOS NORMATIVOS - NOR 101

NORMA DE ELABORAÇÃO DE INSTRUMENTOS NORMATIVOS - NOR 101 ASSUNTO: Elaboração de Instrumentos Normativos MANUAL DE ORGANIZAÇÃO APROVAÇÃO: Deliberação DIREX nº 25, de 12/05/2016 COD. VIGÊNCIA: 100 12/05/2016 NORMA DE ELABORAÇÃO DE INSTRUMENTOS 1/10 SUMÁRIO 1 FINALIDADE...

Leia mais

V JOGOS DOS APOSENTADOS DA CAIXA DO ESTADO DE SÃO PAULO. PARCERIA APEA/SP e APCEF/SP REGULAMENTO GERAL - 2015

V JOGOS DOS APOSENTADOS DA CAIXA DO ESTADO DE SÃO PAULO. PARCERIA APEA/SP e APCEF/SP REGULAMENTO GERAL - 2015 V JOGOS DOS APOSENTADOS DA CAIXA DO ESTADO DE SÃO PAULO PARCERIA APEA/SP e APCEF/SP PERÍODO: 26 e 27/09/2015 LOCAL: CECOM - APCEF/SP REGULAMENTO GERAL - 2015 CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art.1º-

Leia mais

Regulamento das provas especialmente adequadas destinadas a avaliar a capacidade para a frequência do Curso de Licenciatura em Enfermagem da ESEL dos

Regulamento das provas especialmente adequadas destinadas a avaliar a capacidade para a frequência do Curso de Licenciatura em Enfermagem da ESEL dos Regulamento das provas especialmente adequadas destinadas a avaliar a capacidade para a frequência do Curso de Licenciatura em Enfermagem da ESEL dos maiores de 23 anos e do Concurso Especial dos Estudantes

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº. 206 DE 14 DE DEZEMBRO DE 2011.

RESOLUÇÃO Nº. 206 DE 14 DE DEZEMBRO DE 2011. RESOLUÇÃO Nº. 206 DE 14 DE DEZEMBRO DE 2011. O CONSELHO DE ENSINO, PESQUISA, EXTENSÃO E CULTURA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DA GRANDE DOURADOS, no uso de suas atribuições legais e considerando o Parecer nº.

Leia mais

1.8. Correspondência eletrônica dirigida ao Polo 46 do MNPEF deve ser endereçada a: aclm@df.ufpe.br, mnpef.caa@ufpe.br

1.8. Correspondência eletrônica dirigida ao Polo 46 do MNPEF deve ser endereçada a: aclm@df.ufpe.br, mnpef.caa@ufpe.br Universidade Federal de Pernambuco Centro acadêmico do Agreste Núcleo Interdisciplinar de Ciências Exatas e Inovação Tecnológica Programa de Pós-Graduação em Ensino de Física [POLO 46 UFPE/CARUARU] EDITAL

Leia mais

CONSELHO SUPERIOR DA MAGISTRATURA

CONSELHO SUPERIOR DA MAGISTRATURA O Tribunal de Relação de Lisboa, remeteu a este Conselho uma cópia do ofício n.º 48486, de 20-04-04, da ADSE, referente à deliberação da Junta Médica, a que tinha sido submetido o DR. (...). É do seguinte

Leia mais

REGULAMENTO CAMPEONATO GAÚCHO 2015

REGULAMENTO CAMPEONATO GAÚCHO 2015 REGULAMENTO CAMPEONATO GAÚCHO 2015 l DAS FINALIDADES Artigo 1.1 O Campeonato Gaúcho de Futebol Sete Categoria Principal Masculino, tem por finalidade congregar e ampliar o Futebol Sete, meio de lazer e

Leia mais

CAMPEONATO PAULISTA UNIVERSITÁRIO 2015 NOTA OFICIAL RUGBY

CAMPEONATO PAULISTA UNIVERSITÁRIO 2015 NOTA OFICIAL RUGBY CAMPEONATO PAULISTA UNIVERSITÁRIO 2015 NOTA OFICIAL RUGBY Informações e inscrições: Kallel Brandão (11)97118-3872 kallel@fupe.com.br www.fupe.com.br www.juesp.com.br INFORMAÇÕES BÁSICAS Local: CEPEUSP

Leia mais

Acordo entre o Ministério da Saúde e a Associação Nacional das Farmácias sobre a implementação de programas de Saúde Pública

Acordo entre o Ministério da Saúde e a Associação Nacional das Farmácias sobre a implementação de programas de Saúde Pública Acordo entre o Ministério da Saúde e a Associação Nacional das Farmácias sobre a implementação de programas de Saúde Pública O Ministério da Saúde (MS), representado pelo Senhor Ministro da Saúde, e a

Leia mais

Ser Criança com o Clube Bebé Nestlé

Ser Criança com o Clube Bebé Nestlé Passatempo Clube Bebé Nestlé 58 / 2016 Ser Criança com o Clube Bebé Nestlé Condições de Participação NESTLÉ PORTUGAL, S.A., contribuinte n.º 500201307, com sede na Rua Alexandre Herculano, nº. 8, 2799-554

Leia mais

3. QUAL É A FUNÇÃO DA MOEDA SOCIAL?

3. QUAL É A FUNÇÃO DA MOEDA SOCIAL? Mini Guia Mercado de Trocas Solidárias - MTS 1. O QUE É O MERCADO DE TROCAS SOLIDÁRIAS EM UMA FEIRA DE ECONOMIA SOLIDÁRIA? É um espaço onde as pessoas trocam entre elas produtos, serviços e saberes sem

Leia mais

Troféu Guarulhos de Futsal Municipal 2016 Menores 1º Semestre.

Troféu Guarulhos de Futsal Municipal 2016 Menores 1º Semestre. Troféu Guarulhos de Futsal Municipal 2016 Menores 1º Semestre. Título I Das Disposições Gerais A) Será obrigatório, de acordo com as Regras do Futsal, o uso de caneleiras para todos os atletas. B) Não

Leia mais

PROGRAMA ERASMUS+ Ação-Chave 1: Mobilidade individual de estudos para estudantes do ensino superior. 2.º Ciclo. Regulamento

PROGRAMA ERASMUS+ Ação-Chave 1: Mobilidade individual de estudos para estudantes do ensino superior. 2.º Ciclo. Regulamento PROGRAMA ERASMUS+ Ação-Chave 1: Mobilidade individual de estudos para estudantes do ensino superior 2.º Ciclo Regulamento I. INDICAÇÕES GERAIS 1.1. A mobilidade Erasmus oferece aos alunos de mestrado a

Leia mais

Regulamento Geral. Fátima Portugal. Clássicos a Fátima 2016. 24 de Abril 2016. Termos e condições do evento

Regulamento Geral. Fátima Portugal. Clássicos a Fátima 2016. 24 de Abril 2016. Termos e condições do evento Regulamento Geral Clássicos a Fátima 2016 Fátima Portugal 24 de Abril 2016 Termos e condições do evento O presente regulamento poderá sofrer alterações a qualquer momento. Índice 01 - Breve descrição 02

Leia mais

Regulamento do Concurso de DESENHO

Regulamento do Concurso de DESENHO Évora 2005 Regulamento do Concurso de DESENHO ENQUADRAMENTO O concurso AS PROFISSÕES DA MINHA COMUNIDADE é um concurso integrado no evento a decorrer de 13 a 15 de Abril de 2005, em Évora, organizado pelo

Leia mais

REGULAMENTO GERAL. Condições Legais. Normas de Atuação. Enquadramento

REGULAMENTO GERAL. Condições Legais. Normas de Atuação. Enquadramento REGULAMENTO GERAL Condições Legais A participação na LAN envolve a aceitação de todos os termos do regulamento geral e regulamentos dos respetivos jogos; O Núcleo de Estudantes de Informática (NESTI) da

Leia mais

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS NÚCLEO DOCENTE ESTRUTURANTE -NDE. Procedimentos para o Trabalho de Conclusão de Curso

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS NÚCLEO DOCENTE ESTRUTURANTE -NDE. Procedimentos para o Trabalho de Conclusão de Curso UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS Campus Arapiraca CURSO DE ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS NÚCLEO DOCENTE ESTRUTURANTE -NDE Arapiraca-AL, 15 de Dezembro de 2011 Procedimentos para o Trabalho de Conclusão de Curso

Leia mais

EDITAL COMPLEMENTAR Nº 23, DE 18 DE FEVEREIRO DE 2013 PROCESSO SELETIVO 2013/1 PARA INGRESSO DE ALUNOS NO IF FARROUPILHA

EDITAL COMPLEMENTAR Nº 23, DE 18 DE FEVEREIRO DE 2013 PROCESSO SELETIVO 2013/1 PARA INGRESSO DE ALUNOS NO IF FARROUPILHA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA FARROUPILHA REITORIA Rua Esmeralda, 430 Faixa Nova Camobi - 97110-767 Santa

Leia mais