CIA. DE GÁS DO ESTADO DO RS - SULGÁS

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CIA. DE GÁS DO ESTADO DO RS - SULGÁS"

Transcrição

1 CIA. DE GÁS DO ESTADO DO RS SULGÁS CONCURSO PÚBLICO /20 Edital Abertura V4

2 CONCURSO PÚBLICO /20 SULGÁS EDITAL DE ABERTURA N.º /20 Edital Abertura Concurso Público /20 A SULGÁS Cia. Gás do Estado do Rio Gran do Sul, em corrência das autorizações contidas nos processos n o /084 e /105, torna público que estarão abertas, a contar da data da publicação ste edital, as inscrições para o Concurso Público /20 provas para provimento cargos na administração indireta stinado às vagas claradas e à formação cadastro reserva para as vagas que vierem a surgir, em cargos nível Superior e Nível Técnico seu quadro pessoal, sob o regime da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). O Concurso Público em epígrafe processarseá em conformida com o que dispõe a Constituição Feral, a Lei Estadual n 8.133/98, Lei Complementar 346/95 (dispõe sobre a reserva cargos às pessoas portadores ficiência), Lei Estadual , Decreto /05, legislações complementares a estas e as mais disposições ste Edital, sob a coornação técnicoadministrativa da Fundação Universida Empresa Tecnologia e Ciências Fundatec. 1. Dos Cargos 1.1 Quadro Demonstrativo Cód Áreas Atuação Diretorias e Gerências Finanças e Contabilida Tecnologia da Informação Programação Engenharia Dutos Engenharia Sistemas Operação e Manutenção Operação e Manutenção 08 Qualida 09 Comunicação Tecnologia da Informação Meio Ambiente Carreira TNM Técnico Nível Médio Júnior TNM Técnico Nível Médio Júnior TNM Técnico Nível Médio Júnior TNM Técnico Nível Médio Júnior TNM Técnico Nível Médio Júnior TNM Técnico Nível Médio Júnior TNM Técnico Nível Médio Júnior TNM Técnico Nível Médio Júnior TSA Técnico Superior Linha Administrativos Júnior TSA Técnico Superior Linha Administrativos Júnior TSE Técnico Superior Linha Engenharias Júnior ou Formação e Requisitos Mínimos Necessários Técnico Secretariado reconhecido pelo CEED e/ou MEC. Registro na Entida Classe. Técnico Contabilida reconhecido pelo CEED e/ou MEC. Registro na Entida Classe. Curso Técnico em Informática reconhecido pelo CEED e/ou MEC. CNH mínimo Categoria B. Curso Técnico Projetos e Instalações, ou Técnico em Mecânica ou Técnico Distribuição Gás, reconhecidos pelo CEED e/ou MEC. Registro na Entida Classe. CNH mínimo Categoria B. Curso Técnico Eletrotécnica ou Técnico em Eletrônica ou Técnico Distribuição Gás, reconhecidos pelo CEED e/ou MEC. Registro na Entida Classe. CNH mínimo Categoria B. Curso Técnico em Eletrônica ou Técnico em Eletrotécnica ou Técnico Químico ou Técnico em Mecânica ou Técnico em Eletromecânica ou Técnico Distribuição Gás ou Técnico em Metrologia ou Técnico Instrumentação, reconhecido pelo CEED e/ou MEC.Registro na Entida Classe.CNH mínimo Categoria B. Curso Técnico em Eletrônica ou Técnico em Eletrotécnica ou Técnico Químico ou Técnico em Mecânica ou Técnico em Eletromecânica ou Técnico Distribuição Gás ou Técnico em Metrologia ou Técnico Instrumentação, reconhecido pelo CEED e/ou MEC.Registro na Entida Classe.CNH mínimo Categoria B. Curso Técnico Gestão da Qualida reconhecido pelo CEED e/ou MEC. CNH mínimo Categoria B. Graduação Reconhecida pelo MEC em Jornalismo ou Relações Públicas. Registro na Entida Classe. CNH mínimo Categoria B. Graduação Reconhecida pelo MEC em Ciências da Computação ou Informática ou Engenharia da Computação ou Sistemas Informação ou Tecnólogo em Programação ou Tecnólogo em Processamento Dados. CNH mínimo Categoria B. Graduação reconhecida pelo MEC em Engenharia Ambiental ou Biologia (sem necessida especialização). Ou Curso 2 CH (Seman al) Salário Vagas 40h R$ 1.885, h R$ 1.885,82 40h R$ 1.885,82 CR 40h R$ 1.885,82 CR 40h R$ 1.885,82 CR 40h R$ 1.885,82 CR 40h R$ 1.885,82 CR 40h R$ 1.885,82 CR 40h R$ 3.405, 98 CR 40h R$ 3.405, 98 CR 40h R$ 3.405, 98* CR Local Lotação Caxias do Sul Valor Inscrição R$ 50,45 R$ 50,45 R$ 50,45 R$ 50,45 R$ 50,45 R$ 50,45 R$ 50,45 R$ 50,45 R$ 115,04 R$ 115,04 R$ 115,04

3 Edital Abertura Concurso Público / Engenharia Dutos Comercial Técnica TSA Técnico Superior Linha Administrativos Júnior TSE Técnico Superior Linha Engenharias Júnior TSE Técnico Superior Linha Engenharias Júnior ou TSA Técnico Superior Linha Administrativos Júnior Graduação em Engenharia ou Geologia ou Química ou Geógrafo regulamentado pela Lei 6664, acrescido curso especialização nível pósgraduação na área ambiental, todos reconhecidos pelo Ministério da Educação e registro no órgão classe corresponnte. CNH mínimo Categoria B. Graduação reconhecida pelo MEC em Engenharia Civil ou Engenharia Mecânica. Registro no CREA. CNH mínimo Categoria B. Graduação reconhecida pelo MEC em Administração Empresas ou Engenharia ou Economia. Registro na Entida Classe. CNH mínimo Categoria B. 40h R$ 3.405, 98* CR 40h R$ 3.405, 98* CR R$ 115,04 R$ 115,04 14 Engenharia Sistemas TSE Técnico Superior Linha Engenharias Júnior TSA Técnico Superior Linha Administrativos Júnior Graduação reconhecida pelo MEC em Engenharia Elétrica ou Engenharia Eletrônica ou Engenharia Mecatrônica ou Engenharia da Computação ou Ciências da Computação ou Informática ou Sistema Informação. Registro na Entida Classe. CNH mínimo Categoria B. 40h R$ 3.405, 98* CR R$ 115, Operação e Manutenção Operação e Manutenção 17 Qualida TSE Técnico Superior Linha Engenharias Júnior TSE Técnico Superior Linha Engenharias Júnior TSE Técnico Superior Linha Engenharias Júnior Graduação reconhecida pelo MEC em Engenharia Mecânica ou Engenharia Civil ou Engenharia Química ou Engenharia Produção ou Engenharia Elétrica ou Engenharia Eletrônica. Registro no CREA. CHN mínimo Categoria B. Graduação reconhecida pelo MEC em Engenharia Mecânica ou Engenharia Civil ou Engenharia Química ou Engenharia Produção ou Engenharia Elétrica ou Engenharia Eletrônica. Registro no CREA. CHN mínimo Categoria B. Graduação reconhecida pelo MEC com formação acadêmica em Engenharia. Especialização (Mínimo 360 horas) em Sistemas da Qualida ou Gestão da Qualida (ISO 90). Registro no CREA. CNH mínimo Categoria B. 40h R$ 3.405, 98* CR 40h R$ 3.405, 98* CR 40h R$ 3.405, 98* CR Caxias do Sul R$ 115,04 R$ 115,04 R$ 115,04 * Acrescido do valor R$ 929,02, para a carreira TSE Técnico Superior Linha Engenharias, conforme Lei 4950 A, 22 abril A Companhia conforme a necessida e disponibilida vaga po lotar os candidatos em outras áreas atuação ntro da carreira para o qual o candidato efetuou a inscrição Os candidatos aprovados para as carreiras TNM, TSA e TSE, porão ser lotados conforme o local escolhido no momento da inscrição ou lotado em outro município conforme necessidas e disponibilida vagas da Companhia Consirando que a Companhia realiza serviço essencial interesse público, os candidatos aprovados para os cargos códigos 06, 07, 15 e 16, porão estar sujeitos ao regime sobreaviso, visando a manutenção dos serviços essenciais fornecidos pela SULGÁS, mediante a realização escalas trabalho reguladas por normas internas da Sulgás Para todos os cargos haverá avaliação psicológica, ver item Dos benefícios, ver item Cronograma Execução PROCEDIMENTOS 3 DATAS Publicação do Edital Abertura do Concurso Público 27/12/20 Período Inscrições pela internet, através do site Período para os candidatos amparados pela Lei Estadual nº , 16 abril 2009 solicitar isenção da taxa inscrição 28/12/20 a 28//21 28/12/20 a 14//21 Divulgação da Homologação dos Pedidos Isenção* 20//21 Último dia para entrega do Laudo Médico dos portadores Deficiência e candidatos que necessitarem condições especiais para o dia prova 31//21

4 Edital Abertura Concurso Público /20 Último dia para pagamento da Taxa Inscrição 31//21 Homologação das Inscrições Lista preliminar * 11/02/21 Período Recursos Administrativos da Homologação das Inscrições (Presencial e Eletrônico) 15, 16 e 17/02/21 Edital com data, hora e locais da Prova TeóricoObjetiva* /03/21 Consulta Sala Realização Prova * /03/21 Homologação das Inscrições Lista Oficial e Densida Inscritos por Vaga* /03/21 APLICAÇÃO DAS PROVAS TEÓRICOOBJETIVA (DATA PROVÁVEL) 20/03/21 Divulgação dos Gabaritos Preliminares * 21/03/21 Período Recursos Administrativos dos Gabaritos Preliminares (Presencial e Eletrônico) 22, 23 e 24/03/21 Divulgação dos Gabaritos Definitivos* 07/04/21 Divulgação das Justificativas para Manutenção/Alteração dos Gabaritos Preliminares* 07/04/21 Divulgação das Notas Preliminares da Prova TeóricoObjetiva* 07/04/21 Recebimento Recursos Administrativos das Notas Preliminares (Presencial e Eletrônico) 08, 11 e 12/04/21 Divulgação das Notas Oficiais da Prova TeóricoObjetiva * 15/04/21 Divulgação das Justificativas para Manutenção/Alteração das Notas Preliminares da Prova TeóricoObjetiva * 15/04/21 Divulgação dos Candidatos aprovados para entrega títulos Cargos Nível Superior * 15/04/21 Edital Realização Sorteio e Divulgação dos Candidatos com Notas Empatadas Cargos Nível Técnico* 15/04/21 Período para entrega dos Títulos Cargos Nível Superior 25 a 29/04/21 Realização Sorteio Público Cargos Nível Técnico 25/04/21 CLASSIFICAÇÃO FINAL CARGOS DE NÍVEL TÉCNICO* 28/04/21 Divulgação das Notas Preliminares da Prova Títulos Cargos Nível Superior * 13/05/21 Período Recursos Administrativos das Notas Preliminares dos Títulos (Presencial e Eletrônico) 16, 17 e 18/05/21 Divulgação das Notas Oficiais da Prova Títulos* 23/05/21 Divulgação das Justificativas para Manutenção/Alteração das Notas da Prova Títulos* 23/05/21 Edital Realização Sorteio Público e Divulgação dos Candidatos com Notas Empatadas (se necessário) Cargos Nível Superior* 23/05/21 Realização Sorteio Público Cargos Nível Superior 27/05/21 CLASSIFICAÇÃO FINAL CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR* 30/05/21 Divulgação da Densida Aprovados por Vaga* 30/05/21 Divulgação dos Convocados para Avaliação Psicológica* 30/05/21 Divulgação do Cronograma e Critérios da Avaliação Psicológica* 31/05/21 * Todas as publicações serão divulgadas até as 18 horas da data estipulada neste cronograma, nos murais e no site da FUNDATEC: O cronograma execução do Concurso Público porá ser alterado pela FUNDATEC e/ou SULGÁS, a qualquer momento, em havendo justificadas razões, sem que caiba aos interessados qualquer direito se opor, ou algo reivindicar em razão alguma alteração. Será dada publicida caso isto venha a ocorrer Da Data Provável Realização das Provas Data Provável Cargos Local 20/03/21 Turno Manhã 20/03/21 Turno Tar Nível Superior Nível Técnico A ser divulgado em até 8 (oito) dias antes da realização das provas, em jornal circulação local, no site e nos murais da FUNDATEC. É inteira responsabilida do candidato a intificação correta seu local realização prova e o comparecimento no horário terminado. 4

5 1.2.3 Do Valor das Inscrições Cargo Cargos Nível Técnico Valor da Inscrição R$50,45 Cargos Nível Superior R$115, Das Atribuições dos Cargos (Cód. ) DIRETORIAS E GERENCIAS TNM (TÉCNICO DE NÍVEL MÉDIO JÚNIOR) Atividas: Organizar as atividas gerais da área (Diretorias e Gerências), assessorar o seu senvolvimento, executar tarefas relativas a recebimentos correspondências, redigir textos, preparar e secretariar reuniões, atenr ao público interno e externo e comunicarse. Executará outras atividas correlatas. Capacida solucionar problemas. Trabalho em equipe com Competências Específicas: Capacida comunicação oral e escrita e relacionamento interpessoal (Cód. 02) FINANÇAS E CONTABILIDADE TNM (TÉCNICO DE NÍVEL MÉDIO JÚNIOR) Atividas: Organizar, controlar e executar os procedimentos rotina contábil/financeira, pondo atuar nas atividas Contas a Pagar, Contas a Receber, Faturamento, Obrigações Fiscais, Conciliação e Lançamentos Contábeis. Capacida solucionar problemas. Trabalho em equipe com (Cód. 03) TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO PROGRAMAÇÃO TNM (TÉCNICO DE NÍVEL MÉDIO JÚNIOR) Atividas (Programação) Elaborar e manter aplicações e utilitários maior complexida. Participar projetos, construção, implantação, suporte e manutenção sistemas. Documentar aplicativos. Autonomia técnica para selecionar recursos trabalho, tais como metodologias senvolvimento sistemas, linguagens programação e ferramentas senvolvimento. Manutenção e versionamento códigos fontes. Capacida solucionar problemas. Trabalho em equipe com (Cód. 04) ENGENHARIA DE DUTOS TNM (TÉCNICO DE NÍVEL MÉDIO JÚNIOR) Atividas: Elaboração projetos gasodutos; e ERPM s, baseados em AutoCAD ou ferramenta similar. Molagem res utilidas. Fiscalização na construção e montagem gasodutos, ERPM s e instalações industriais em geral. Operação SIG em res utilidas. Capacida solucionar problemas. Trabalho em equipe com Competências Específicas: 5 Edital Abertura Concurso Público /20 Atenção concentrada. Avaliação risco. Trabalho sob stress. Equilíbrio (Cód. 05) ENGENHARIA DE SISTEMAS TNM (TÉCNICO DE NÍVEL MÉDIO JÚNIOR) Atividas: Molagem res utilidas. Fiscalização na implantação sistemas automação, industrial e proteção catódica. Capacida solucionar problemas. Trabalho em equipe com Competências Específicas: Atenção concentrada. Avaliação risco. Trabalho sob stress. Equilíbrio (Cód. 06 e 07) OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO TNM (TÉCNICO DE NÍVEL MÉDIO JÚNIOR) Atividas: Operação e manutenção res gás natural. Operação e manutenção sistemas automação e proteção catódica. Controle e supervisão integrada logística operacional. Medição GN. Controle equipamentos para medição GN. Capacida solucionar problemas. Trabalho em equipe com Competências Específicas: Atenção concentrada. Avaliação risco. Trabalho sob stress. Equilíbrio (Cód. 08) QUALIDADE TNM (TÉCNICO DE NÍVEL MÉDIO JÚNIOR) Atividas: Gerenciamento documentos. Elaboração procedimentos. Capacida solucionar problemas. Trabalho em equipe com Competências Específicas: Atenção concentrada. Avaliação risco. Trabalho sob stress. Equilíbrio (Cód. 09 ) COMUNICAÇÃO TSA (TÉCNICO SUPERIOR LINHA ADMINISTRATIVOS JÚNIOR) Atividas: Contribuir eficazmente para a elaboração, a aplicação e a avaliação estudos e diretrizes voltadas para a solução problemas institucionais que influam no conceito interno e imagem da empresa: marketing institucional, campanhas internas, produção materiais comunicação diversos, intranet, jornal interno e eventos internos. Contribuir eficazmente para o controle e o acompanhamento dos contratos com os fornecedores meios comunicação que digam respeito à criação, ao senvolvimento e à prestação serviços necessários para a realização dos projetos. Promover a elaboração e o acompanhamento do orçamento da área. Zelar pela uniformida intificação visual da SULGÁS. Redigir, traduzir, coornar, diagramar, revisar, adaptar, comentar, interpretar e programar as ilustrações e matérias a serem divulgadas ou publicadas através qualquer meio comunicação. Organizar e conservar, técnica e culturalmente, documentação fatos, notícias e informações, inclusive fotografias, cinematografia e gravação, ligadas ao setor do gás natural e geração energia. Realizar pesquisas opinião ou mercado, visando ao levantamento subsídios necessários ao planejamento programas Relações Públicas ou avaliando os resultados alcançados com a execução dos mesmos. Planejar campanhas publicida da Companhia, o plano mídia (métodos, comunicação, informação e entretenimento), provinciando a veiculação dos anúncios programados. Assessorar o quadro interno no senvolvimento programas Responsabilida Social,

6 projetos comunitários, sociais e culturais, inclusive na utilização recursos via lei incentivos fiscais. Estabelecer e manter contato com a imprensa em geral, visando às boas relações e a proposição ações e procedimentos aplicáveis à política Comunicação Social da Companhia. Capacida solucionar problemas. Trabalho em equipe com (Cód. 10 ) TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO TSA (TÉCNICO SUPERIOR LINHA ADMINISTRATIVOS JÚNIOR) Atividas: Administrar Sistemas Gerenciadores Banco Dados Progress 9.x, Oracle 8.x, 9.x, 10.x ou 11.x Enterprise Edition com Option Spatial. Organizar, implementar e manter projetos lógicos e físicos Bancos Dados. Suportar as atividas operacionais manutenção dos mecanismos segurança lógica e física Bancos Dados; Implementar políticas segurança, restauração e planos contingência em Bancos Dados. Molagem funcional e dados relacionais e espaciais. Molagem da conversão dados espaciais. Especificação rotinas geração informações que envolvam análises dados espaciais. Carregamento e validação dados espaciais. Monitorar acesso aos Bancos Dados. Avaliar processos homologação e aquisição acerca do uso produtos como: SGBDs, Dicionários Dados, Ferramentas CASE, Linguagens Manipulação Dados (DMLs). Molagem, projeto e senvolvimento fluxos trabalho, rotinas e relatórios em ambiente Workflow TOTVS. Capacida solucionar problemas. Trabalho em equipe com (Cód. 11 ) MEIO AMBIENTE TSE OU TSA (TÉCNICO SUPERIOR LINHA ENGENHARIAS JÚNIOR) (TÉCNICO SUPERIOR LINHA ADMINISTRATIVOS JÚNIOR) Atividas: Licenciamento ambiental projetos industriais. Análise EIA/RIMA. Desenvolvimento Sistema gestão ambiental. Elaboração projetos educação ambiental. Auditoria Ambiental. Capacida solucionar problemas. Trabalho em equipe com Competências Específicas: Atenção concentrada. Avaliação risco. Trabalho sob stress. Equilíbrio (Cód. 12 ) ENGENHARIA DE DUTOS TSE (TÉCNICO SUPERIOR LINHA ENGENHARIAS JÚNIOR) Atividas: Projetos gasodutos e estações redução pressão e medição ERPM s. Construção res gasodutos em aço e PEAD. Montagem ERPM s. Conversão equipamentos para gás natural. Instalação interna res GN. AUTOCAD. Capacida solucionar problemas. Trabalho em equipe com Competências Específicas: Atenção concentrada. Avaliação risco. Trabalho sob stress. Equilíbrio (Cód. 13 ) COMERCIALTÉCNICA TSE OU TSA (TÉCNICO SUPERIOR LINHA ENGENHARIAS JÚNIOR) (TÉCNICO SUPERIOR LINHA ADMINISTRATIVOS JÚNIOR) Atividas: 6 Edital Abertura Concurso Público /20 Comercialização combustíveis líquidos e gasosos. Planejamento e senvolvimento dos mercados combustíveis líquidos e gasosos. Serviços técnicos pré e pósvenda combustíveis líquidos e gasosos. Gerenciamento contratos compra e vendas combustíveis líquidos e gasosos. Desenvolvimento projetos cogeração. Desenvolvimento soluções energéticas, com enfoque na eficientização. Capacida solucionar problemas. Trabalho em equipe com Competências Específicas: Atenção concentrada. Avaliação risco. Trabalho sob stress. Equilíbrio (Cód. 14 ) ENGENHARIA DE SISTEMAS TSE ou TSA (TÉCNICO SUPERIOR LINHA ENGENHARIAS JÚNIOR) (TÉCNICO SUPERIOR LINHA ADMINISTRATIVOS JÚNIOR) Atividas: Projeto, senvolvimento e implantação : sistemas supervisórios utilidas; sistemas proteção catódica; sistemas informações geográficas em res utilidas; sistemas telemetria; automação industrial. Capacida solucionar problemas. Trabalho em equipe com Competências Específicas: Atenção concentrada. Avaliação risco. Trabalho sob stress. Equilíbrio (Cód. 15 e 16) OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO TSE (TÉCNICO SUPERIOR LINHA ENGENHARIAS JÚNIOR) Atividas: Operação e manutenção res gás natural. Operação e manutenção sistemas automação e proteção catódica. Controle e supervisão integrada logística operacional. Medição GN. Controle equipamentos para medição GN. Capacida solucionar problemas. Trabalho em equipe com Competências Específicas: Atenção concentrada. Avaliação risco. Trabalho sob stress. Equilíbrio (Cód. 17 ) QUALIDADE TSE (TÉCNICO SUPERIOR LINHA ENGENHARIAS JÚNIOR) Atividas: Certificação sistema integrado gestão. Implantação sistemas qualida. Auditoria da qualida. Capacida solucionar problemas. Trabalho em equipe com Competências Específicas: Atenção concentrada. Avaliação risco. Trabalho sob stress. Equilíbrio. 2.2 Do Preenchimento das Vagas Das Vagas e da Formação Os candidatos aprovados para os cargos serão chamados segundo as necessidas da SULGÁS para as vagas anunciadas e que vierem a surgir. Os mais candidatos formarão um cadastro reserva cuja admissão estará condicionada à liberação e/ou criação futura vagas no prazo valida ste Concurso Público.

7 A utilização do cadastro reserva obecerá rigorosamente à orm classificação final publicada no Diário Oficial do Estado Os candidatos aprovados para as carreiras TNM, TSA e TSE, porão ser lotados conforme o local escolhido no momento da inscrição ou lotado em outro município conforme necessida e disponibilida vagas da Companhia A Companhia porá lotar os candidatos em outras áreas atuação ntro da carreira para o qual o candidato efetuou a inscrição, conforme a necessida e disponibilida vagas. 2.3 Da Valida Este Concurso Público terá valida 02 (dois) anos, a contar da data publicação do Extrato do Edital Homologação do resultado em jornal local, pondo vir a ser prorrogado uma única vez por igual período, sempre que houver candidatos em reserva técnica. 3 Do para Vagas para Portadores Deficiência 3.1 Aos portadores ficiência é assegurado o direito inscrição no Concurso, nos termos do disposto na Lei Complementar nº 346/95. Serão reservadas 10% das vagas a serem preenchidas por candidatos portadores ficiência. As vagas reservadas porão ser preenchidas na forma ste item, s que haja compatibilida entre as atribuições do cargo e a ficiência portada pelos candidatos. 3.2 Quando do preenchimento da inscrição, o candidato verá clarar a espécie e o grau ou nível da ficiência, com expressa referência ao código corresponnte da Classificação Internacional Doenças CID, comprovandoa por meio atestado médico, original ou autenticado, que verá ser entregue na FUNDATEC, sita na Rua Professor Cristiano Fischer nº 22, Bairro: Partenon, Porto Alegre/RS, CEP , ou enviada por SEDEX, impreterivelmente, até o dia 31//21 juntamente com formulário próprio disponibilizado na internet. A data emissão do atestado ve ser posterior ao dia 28/12/2009 (no máximo ano antes da data publicação ste Edital). Os candidatos portadores ficiência auditiva vem apresentar audiometria e laudo médico on verá constar, claramente, a scrição dos grupos frequência auditiva comprometidos O candidato portador ficiência que necessita condições especiais para a realização da prova, verá formalizar o pedido através do formulário inscrição até o último dia das inscrições. A comissão do Concurso Público examinará a possibilida operacional atendimento à solicitação. 3.3 Não será homologada a inscrição (na condição portador ficiência) candidato que scumprir quaisquer das exigências aqui apresentadas. Os atestados médicos terão valor somente para este Concurso, não sendo volvidos aos candidatos. 3.4 Os portadores ficiência participarão do Concurso em igualda condições com os mais candidatos no que se refere ao conteúdo da prova, à avaliação, aos critérios aprovação, ao horário e local aplicação das provas, à pontuação e ao percentual acertos mínimos. 3.5 Os candidatos portadores ficiência, serão classificados na listagem juntamente com os mais candidatos e nas listagens específicas stinadas à reserva vagas para candidatos portadores ficiência, vendo optar, no momento da inscrição, em concorrer pela reserva vagas para candidatos portadores ficiência. 3.6 Os candidatos que se clararem portadores ficiência, caso aprovados no concurso, serão convocados para submeteremse à perícia médica que verificará sua qualificação como portador ficiência, o grau da ficiência e a capacida para o exercício do cargo no atendimento às atribuições do cargo previstas neste edital. Na hipótese não compatibilida do exercício das atribuições do cargo com a ficiência que é portador, o candidato será eliminado do 7 Edital Abertura Concurso Público /20 Concurso, abrindo vaga para o chamamento do próximo classificado. 3.7 Os candidatos verão comparecer à perícia médica, na admissão, munidos do original do laudo médico que ateste a espécie e o grau ou nível ficiência, com expressa referência ao código corresponnte da Classificação Internacional Doenças (CID), bem como à provável causa da ficiência. 3.8 A não observância do disposto no item 3 e subitens ou a reprovação na perícia médica acarretará a perda do direito às vagas reservadas aos candidatos em tais condições. 3.9 O candidato portador ficiência que não clarar essa condição por ocasião da inscrição não porá, posteriormente, interpor recurso em favor sua situação O grau ficiência que for portador o candidato, não porá ser invocado como causa aposentadoria por invaliz A observância do percentual vagas reservadas aos portadores ficiência darseá durante todo o período valida do Concurso, s que haja candidatos aprovados. 4 Das Inscrições 4.1 As inscrições serão realizadas na internet, no site da FUNDATEC, A FUNDATEC disponibilizará computadores para acesso à Internet, durante o período inscrições, na Rua Prof. Cristiano Fischer, nº 22, em Porto Alegre no horário comercial atendimento ao público, das 09 às 17 horas. 4.2 Para inscrição o candidato ve acessar o site da FUNDATEC a partir das 10h do dia 28/12/20 e acessar o Concurso Público /20 da SULGÁS. Deverá ler o Edital Abertura para conhecimento das normas reguladoras do Concurso Público. As inscrições serão submetidas ao sistema até às 23 horas e 59 min do dia 28//21. Durante o processo inscrição será emitido o bloqueto bancário com a taxa inscrição, sendo que o pagamento ste verá ser efetuado em agências bancárias até o dia 31//21. O bloqueto bancário quitado será o comprovante inscrição. Após dois dias úteis bancários do pagamento, o candidato porá consultar no enreço do site da FUNDATEC, e confirmar o pagamento seu pedido inscrição. 4.3 Não será consirado o pedido inscrição via internet, que ixar ser concretizado por falhas computadores, congestionamento linhas ou outros fatores orm técnica. 4.4 Para efetuar a inscrição é imprescindível o número do Pessoa Física (CPF). O candidato que não possuir, verá solicitálo nos postos crenciados, localizados em qualquer agência do Banco do Brasil, da Caixa Econômica Feral, dos Correios ou na Receita Feral em tempo hábil, isto é, antes do término das inscrições. 4.5 O candidato inscrito via internet terá exclusiva responsabilida pelas informações cadastrais prestadas, sob as penas da lei. 4.6 O candidato porá inscreverse para mais um cargo, conforme quadro monstrativo 1.1, s que atenda às exigências cada cargo e as provas sejam realizadas em dias, turnos ou horários diferentes, conforme Quadro Realização das Provas, Item A correta interpretação do atendimento aos requisitos do cargo é responsabilida exclusiva do candidato. A opção cargo não porá ser trocada após a efetivação do pagamento do bloqueto bancário. 4.8 Da Regulamentação das Inscrições O candidato porá inscreverse para o Concurso Público da SULGÁS, mediante pagamento do valor corresponnte da inscrição O pedido inscrição que não for pago no prazo será automaticamente cancelado Serão canceladas as inscrições pagas com cheque, agendamentos bancários e outros meios, sem a vida provisão fundos.

8 4.8.2 Não serão aceitas inscrições por via postal ou Facsímile, nem em caráter condicional Não haverá volução do valor da inscrição paga Na hipótese pagamento em duplicida da mesma inscrição, a volução terá os scontos custas bancárias e será feita exclusivamente na se da FUNDATEC, sita na Rua Professor Cristiano Fischer nº 22, Bairro: Partenon, Porto Alegre/RS, mediante solicitação escrita circunstanciando o pedido realizado durante o período das inscrições Caso necessite condições especiais para a realização da prova, o candidato verá formalizar o pedido por escrito e/ou pela ficha eletrônica inscrição, e entregar o atestado médico que justifique até o último dia do período pagamento das inscrições no enreço da FUNDATEC ou remetêlo por SEDEX para a FUNDATEC, sita na Rua Professor Cristiano Fischer nº 22, Bairro: Partenon, Porto Alegre/RS, CEP , até a data 31//21. Se houver necessida tempo adicional, a justificativa verá conter parecer emitido por especialista da área ficiência. A Comissão Concursos examinará a possibilida operacional atendimento à solicitação. Não será homologado o pedido necessidas especiais para a realização da prova do candidato que scumprir quaisquer das exigências aqui apresentadas. Os atestados médicos terão valor somente para este Concurso, não sendo volvidos aos candidatos A candidata que tiver necessida amamentar durante a realização da prova verá procer na forma do item No dia da(s) prova(s), verá levar acompanhante, que ficará em sala reservada para essa finalida e que será responsável pela guarda da criança. A candidata que não levar acompanhante não realizará a prova. Não haverá compensação do tempo amamentação ao tempo da prova da candidata. A FUNDATEC não se responsabilizará por acompanhantes menores ida durante a realização das provas A FUNDATEC encaminhará ao candidato meramente informativo ao enreço eletrônico informado na ficha inscrição, não isentando o(a) candidato(a) buscar as informações nos locais informados no Edital. O site da FUNDATEC, será fonte permanente comunicação editais e avisos, além das publicações em jornal local do Extrato do Edital Abertura e Edital com o dia e local realização das provas, bem como o extrato da homologação dos aprovados, com indicação dos locais consulta O candidato é responsável pelas informações prestadas na ficha inscrição, arcando com as consequências eventuais erros preenchimento daquele documento. 4.9 Dos Requisitos para Inscrição Nacionalida brasileira ou portuguesa. Em caso nacionalida portuguesa, estar amparado pelo estatuto igualda entre brasileiros e portugueses, com reconhecimento do gozo direitos políticos, nos termos do 1º do art. 12 da Constituição Feral Estar em gozo dos direitos civis e políticos Possuir ida mínima 18 (zoito) anos completos até o dia da admissão Estar em dia com as obrigações eleitorais Estar quite com o serviço militar, quando do sexo masculino Ter habilitação específica escolarida e requisitos exigidos para o cargo ao qual se inscrever por ocasião da admissão Estar apto físico e mentalmente para o exercício das atribuições do cargo, o que será verificado através do Exame Admissional Estar acordo com as normas do presente Concurso Público Da Isenção da Taxa Inscrição a Candidatos Portadores Deficiência Edital Abertura Concurso Público / De conformida com a Lei Estadual nº , 16 abril 2009, os candidatos portadores ficiência que tiverem renda mensal per capita familiar até 1,5 (um e meio) salário mínimo nacional pom pleitear a isenção do pagamento da taxa inscrição, mediante o preenchimento formulário próprio disponível no site da Fundatec Para obter a isenção, os candidatos portadores ficiência que se enquadrarem no item anterior, além efetuarem a inscrição, verão entregar na se da FUNDATEC, sita na Rua Professor Cristiano Fischer nº 22, Bairro: Partenon, Porto Alegre/RS, CEP , no período 28/12/20 até 14//21 no horário das 9h às 17h, em dias úteis os seguintes documentos: o requerimento isenção que estará disponível no site da Fundatec; cópia do boleto bancário inscrição; cópia da carteira intida; atestado médico original, fornecido por profissional cadastrado pelo Sistema Único Saú SUS, que comprove a ficiência As informações prestadas por ocasião da inscrição, bem como a documentação apresentada, serão inteira responsabilida do candidato, responndo civil e criminalmente pelo teor das afirmativas Não será concedida isenção pagamento do valor da taxa inscrição ao candidato que: a) não atenr às condições previstas no item 4.10; b) não fizer o pedido, instruído com a documentação exigida no item , até o dia 14//21; c) omitir informações ou fornecer informações inverídicas; d) fraudar ou falsificar documentação O candidato, cujo pedido isenção for inferido e que tiver interesse em permanecer no concurso, verá fazer o recolhimento da respectiva taxa inscrição até o dia 31// Perrá os direitos correntes da inscrição no concurso público, sendo consirado inabilitado, além responr pela infração, o candidato que apresentar comprovante inidôneo ou firmar claração falsa para se beneficiar da isenção que trata este Edital A Comissão Concursos da Sulgás e a Comissão Concursos da Fundatec porão fazer diligências relativas à situação clarada pelo candidato, ferindo ou não seu pedido isenção O resultado da Isenção da Taxa Inscrição não será consirado para efeitos avaliação para cadastro portadores ficiência, terminados no item 3 ste edital A divulgação da Homologação dos Pedidos Isenção ocorrerá no dia 20//21 no site da Fundatec: Da Homologação das Inscrições A homologação do pedido inscrição será dada a conhecer aos candidatos pelo site em Homologação das Inscrições Lista Preliminar, conforme cronograma Da não homologação da inscrição cabe recurso, que verá ser dirigido em formulário à Comissão Concurso Público da FUNDATEC, formulado no prazo terminado no cronograma execução e protocolado na FUNDATEC, no horário das 9h às 17h, com dados do candidato circunstanciando o pedido, obecendo rigorosamente o prescrito neste Edital. O candidato porá usar também Formulário Eletrônico, que será disponibilizado no site e enviar da zero hora do primeiro dia previsto no Cronograma Execução até às 24 horas do último dia do referido cronograma, obecendo aos mesmos regramentos contidos no item Nova lista homologados dará ciência do ferimento dos candidatos que tiveram sua homologação aceita e será 8

9 publicada no enreço Homologação das Inscrições Lista Oficial, conforme cronograma execução. 5. Das Provas 5.1 Da Prova TeóricoObjetiva A prova teóricoobjetiva cada cargo será constituída 50 (cinquenta) questões, elaboradas com base nos programas Anexo III. O candidato terá 04 horas para a resolução da prova As questões da prova teóricoobjetiva serão múltipla escolha, com 5 (cinco) alternativas (A, B, C, D e E) e 1 (uma) única resposta correta Porá ser passível responsabilida por crime o candidato que fraudar o presente Concurso Público Da Aplicação da Prova TeóricoObjetiva A prova teóricoobjetiva para todos os cargos será realizada no município Porto Alegre/RS. A divulgação da data, locais execução e horários específicos aplicação, conforme Cronograma Execução serão realizadas em jornal circulação local Porto Alegre, no mural da FUNDATEC, e no enreço no prazo 08 (oito) dias antecedência da data aplicação da mesma. É inteira responsabilida do candidato a intificação correta seu local realização da prova e o comparecimento no horário terminado O ingresso na sala provas será permitido somente ao candidato que apresentar documento intida que originou a inscrição: Cédula Intida ou Carteira expedida pelos Comandos Militares ou pelas Secretarias Segurança Pública; pelos Institutos Intificação e pelos Corpos Bombeiros Militares; Órgãos fiscalizadores exercício profissional ou Conselho Classe; Carteira Trabalho e Previdência Social ou Carteira Nacional Habilitação molo novo (somente molo aprovado pelo Artigo 159 da Lei nº setembro 1997); Passaporte (no prazo valida); Carteira Funcional do Ministério Público O documento intida verá estar em perfeitas condições uso, inviolado e com foto que permita o reconhecimento do candidato Não serão aceitos como documentos intida: certidões nascimento, CPF, títulos eleitorais, carteira motorista (molo antigo), carteiras estudante, carteiras funcionais sem valor intida. Não será aceita cópia do documento intida, ainda que autenticada, nem protocolo do documento Caso o candidato esteja impossibilitado apresentar, no dia realização das provas, documento intida original, por motivo perda, roubo ou furto, verá ser apresentado documento que ateste o registro da ocorrência em órgão policial, expedido há, no máximo, trinta (30) dias, ocasião em que será submetido à intificação especial, compreenndo coleta dados, assinaturas e impressão digital em formulário próprio, assim como apresentação outro documento com foto e assinatura A intificação especial será exigida, também, ao candidato cujo documento intificação apresente dúvidas relativas à fisionomia ou à assinatura do portador A intificação especial será julgada pela Comissão Concursos. Se, a qualquer tempo, for constatado, por meio eletrônico, estatístico, visual, grafológico ou por investigação policial, ter o candidato se utilizado processo ilícito, suas provas serão anuladas e ele será automaticamente eliminado do Concurso Público Por ocasião da realização das provas, o candidato que não apresentar documento intificação original e/ou a intificação especial não for favorável pela Comissão Concursos, porá ser eliminado automaticamente do Concurso Público em qualquer etapa. Edital Abertura Concurso Público / Caso não conste o nome do candidato na lista homologados e o mesmo compareça no local prova, conforme edital publicado na data terminada no cronograma execução, somente será permitido realização prova se apresentar o documento intida conforme scrito no item 5 acompanhado do comprovante pagamento inscrição. A documentação será julgada pela Comissão do Concurso Público. Se, a qualquer tempo, for constatado, por meio eletrônico, estatístico, visual, grafológico ou por investigação policial, ter o candidato se utilizado processo ilícito, suas provas serão anuladas e ele será automaticamente eliminado do Concurso Público O candidato verá comparecer ao local signado, com antecedência mínima meia hora, munido documento intida, caneta esferográfica, com tinta azul ou preta ponta grossa Não será permitida a entrada no prédio realização das provas, do candidato que se apresentar após dado o sinal sonoro indicativo início prova. Estando no interior do prédio, o candidato só porá ingressar na sala provas, se acompanhado por fiscal da coornação Em hipótese alguma haverá segunda chamada, seja qual for o motivo alegado, tampouco será aplicada prova fora do local e horário signado por Edital Ao entrar na sala realização prova o candidato não porá manusear e/ou consultar nenhum tipo material Em cima da classe o candidato verá ter somente caneta esferográfica cor azul ou preta, lápis e documento intida Durante a realização da prova, não serão permitidas consultas espécie alguma, bem como o uso máquina calculadora, fones ouvido, gravador, pagers, notebook, telefones celulares ou quaisquer aparelhos similares. O candidato que se apresentar no local da prova com qualquer tipo aparelho eletrônico verá, ao entrar na sala, sligálo e guardálo. A FUNDATEC não se responsabilizará por perdas ou extravios objetos e equipamentos eletrônicos ocorridos durante a realização das provas. Os candidatos vem vir preparados no que se refere à alimentação, tendo em vista que não é permitido comer na sala realização das provas O candidato, durante a realização da prova, não porá usar óculos escuros e acessórios chapelaria tais como boné, chapéu, gorro, bem como cachecol ou manta e luvas O candidato impreterivelmente só porá retirarse do recinto das provas, após 1 hora e 30 minutos do início da mesma. Será permitido ao candidato levar o carno provas Ao término da prova, o candidato entregará ao fiscal da sala a gra respostas vidamente preenchida O candidato verá assinalar suas respostas na gra respostas com caneta esferográfica tinta azul ou preta ponta grossa. O preenchimento da gra respostas é inteira responsabilida do candidato, que verá procer acordo com as instruções específicas contidas neste edital, na prova e na gra respostas Em hipótese alguma haverá substituição da gra respostas por erro ou satenção do candidato Não serão computadas as questões não assinaladas na gra respostas e nem as questões que contiverem mais uma resposta, emenda ou rasura, ainda que legível Não será permitida a permanência acompanhante do candidato, ou pessoas estranhas ao Concurso Público, nas pendências do local on for aplicada a prova O tempo permanência na sala prova é, no máximo, 4h (quatro horas). Os dois últimos candidatos verão se retirar da sala prova ao mesmo tempo, assinando a ata prova Será excluído do Concurso Público o candidato que: 9

10 a) Tornarse culpado por incorreção ou scortesia para com qualquer dos examinadores, executores, fiscais ou autoridas presentes; b) For surpreendido, em ato flagrante, durante a realização da prova, comunicandose com outro candidato, bem como se utilizando consultas não permitidas; c) Utilizarse quaisquer recursos ilícitos ou fraudulentos, em qualquer etapa sua realização; d) Ausentarse da sala sem o acompanhamento do fiscal, antes ter concluído a prova e entregue a gra respostas Para a segurança dos candidatos e a garantia da lisura do Concurso Público, a FUNDATEC porá procer, como forma intificação, à coleta da impressão digital todos os candidatos no dia realização das provas, bem como usar tector metais No dia realização das provas, não serão fornecidas, por qualquer membro da equipe aplicação das provas e/ou pelas autoridas presentes, informações referentes ao conteúdo das provas e/ou a critérios avaliação/classificação O Cronograma Execução, aponta a data e horário provável execução das provas, que porá ser adiada por imperiosa necessida, cidida pela Comissão Concursos da FUNDATEC e da SULGÁS Da Avaliação e da Aprovação da Prova Teórico Objetiva A prova teóricoobjetiva constará 50 (cinquenta) questões objetivas Todos os cargos contém conteúdos caráter eliminatório nas provas teóricoobjetivas (cód. a 17), cada questão valerá 1 ponto e terá o peso especificado no Quadro Demonstrativo Provas Anexo I. Os candidatos verão acertar no mínimo 50% das questões eliminatórias da prova. O candidato que não alcançar esse número mínimo estará automaticamente eliminado do concurso. Os pontos referentes às mais partes da prova teóricoobjetiva caráter classificatório, serão somados à pontuação obtida nos conteúdos caráter eliminatório, sendo consirados aprovados os candidatos que obtiverem nota final igual ou superior a 50% do total das provas. 5.2 Da Prova Títulos Para todos os cargos nível superior, haverá prova títulos. O valor total da prova será 10 pontos. A prova teóricoobjetiva terá o multiplicador 80% e a prova títulos 20%, conforme quadro monstrativo Anexo I Os títulos serão avaliados acordo com a pontuação estabelecida no Anexo II ste Edital Não serão computados os títulos que excerem os valores máximos expressos na tabela constante no Anexo II Se o nome do candidato, nos documentos apresentados para a prova títulos, for diferente do nome que consta no Requerimento Inscrição, verá ser anexado o comprovante alteração nome (Certidão Casamento ou Divórcio ou inserção nome) O curso que conceu direito à inscrição do Concurso Público não será avaliado como título. Entretanto, o curso verá ser nominado na relação documentos. Não há necessida anexar o comprovante sse curso, o mesmo será apresentado por ocasião da admissão Serão consirados apenas os títulos obtidos até o prazo estabelecido para divulgação dos aprovados, conforme especificado no Cronograma Execução Serão consirados somente os certificados que estiverem em língua estrangeira, que vierem acompanhado da tradução por Tradutor Público Juramentado (tradução original) ou no caso PósGraduação, da validação acordo com a Lei Feral nº 9.394/96, que estabelece as Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Os cursos Especialização, PósGraduação ou MBA, (Lato Sensu) verão ter carga mínima 360 horas. 10 Edital Abertura Concurso Público / Não serão validados títulos que são prérequisitos participação no presente Concurso Público Para entrega dos títulos: Os títulos verão ser entregues ou enviados no período previsto no Cronograma Execução, pessoalmente, por procuração simples ou por SEDEX no enreço da FUNDATEC, Rua Prof. Cristiano Fischer, 22 Bairro: Partenon, Porto Alegre/RS, CEP , em envelope tamanho A4 fechado, on conste o nome do candidato, cargo, número inscrição, nome do Concurso e relação dos títulos entregues com cópia autenticada dos documentos. A FUNDATEC não se responsabiliza por qualquer tipo extravio que impeça a chegada do SEDEX a essa instituição. A relação dos documentos apresentados, se enviados por SEDEX, verá estar listada ntro do envelope. É inteira responsabilida do candidato a apresentação dos comprovantes listados ntro do prazo estipulado. Os títulos serão avaliados conforme quadro Anexo II O candidato verá preencher e imprimir em duas vias, formulário próprio que será disponibilizado no enreço 1(uma) via verá estar junto com os títulos, ntro envelope tamanho A4 e 1(uma) via colada como capa no envelope A4, para intificação Os títulos verão ser entregues em fotocópia autenticada frente e verso. No caso claração oficial, esta verá ser entregue em papel timbrado da instituição Ensino Superior haver completado todos os requisitos para a obtenção do título Os documentos que não estiverem acordo com os critérios estabelecidos neste Edital, ainda que entregues, não serão avaliados Uma vez entregues os títulos, não serão aceitos acréscimos outros documentos. Por ocasião dos recursos, porão ser entregues somente documentos que sirvam para esclarecer ou complementar dados dos títulos ou clarações já entregues Não serão recebidos títulos ou claração fora do prazo estabelecido, ou em sacordo com o previsto neste Edital Os documentos entregues como títulos não serão volvidos aos candidatos. Por esse motivo, a entrega da cópia dos títulos verá ser autenticada. Não verão ser entregues ou encaminhados documentos originais, pois não serão volvidos Comprovada, em qualquer tempo, irregularida ou ilegalida na obtenção dos títulos apresentados, o candidato terá anulada a respectiva pontuação e comprovada a culpa do mesmo, este será excluído do Concurso Público. 5.3 Da Avaliação Psicológica A Avaliação Psicológica será realizada conforme as normas em vigor do Conselho Feral Psicologia Para todos os cargos, serão chamados o número candidatos classificados acordo com o resultado quatro vezes o número vagas terminadas conforme quadro monstrativo 1.1 para prestar avaliação psicológica, caráter eliminatório, com datas e critérios a serem publicados conforme Cronograma Execução Para os cargos em que há somente, serão chamados os 04 (quatro) primeiros candidatos classificados por cargo, para prestar avaliação psicológica De acordo com suas necessidas, a SULGÁS porá convocar, posteriormente, outros candidatos aprovados por rigorosa orm classificação para realizar a avaliação psicológica, ntro do prazo valida do Concurso Público Os candidatos serão convocados para etapa Avaliação Psicológica através Edital a ser divulgado no site informando o dia e local específico Ficam estabelecidos os critérios finição do perfil psicológico, que serão aferidos na Avaliação Psicológica, as Competências Essenciais e Específicas referidas no item 2 cada cargo O resultado terá um parecer RECOMENDADO ou NÃO RECOMENDADO para o sempenho do cargo.

11 5.3.7 A Avaliação Psicológica será realizada conforme as normas em vigor do Conselho Feral Psicologia A não recomendação na Avaliação Psicológica não significará a existência transtornos cognitivos e/ou comportamentais, indicando apenas que o candidato não atenu, a época da Avaliação, aos requisitos exigidos para o exercício do cargo ao qual concorreu O candidato será Recomendado, ao conseguir atenr as condições mínimas aquadas ao cargo, conforme os critérios já referidos neste Edital Verificado que o candidato não possui aptidão para a realização da prova, forma a colocar em risco tanto equipamentos utilizados, quanto a integrida física das pessoas envolvidas na Avaliação, porá ser terminada à imediata interrupção da prova A divulgação do resultado da Avaliação Psicológica será feita no site da Fundatec, por meio relação nominal, on constarão os candidatos consirados Indicados Não caberá pedido revisão do exame aptidão psicológica, tendo em vista a obrigatorieda da Sulgás em cumprir ao que estabelece o Artigo 32 do Decreto Estadual julho 2005, que Aprova o Regulamento dos Concursos Públicos e dá outras providências Será facultado ao próprio candidato conhecer o resultado da sua Avaliação Psicológica mediante solicitação, por escrito, à Fundatec. Somente o próprio candidato porá obter, pessoalmente, acesso ao referido resultado, através uma entrevista volução A entrevista volução tem por objetivo cientificar e esclarecer os fundamentos do resultado obtido na avaliação psicológica. A entrevista volução não tem caráter reaplicação ou reavaliação do exame psicológico O candidato porá, a seu critério e às suas expensas, contratar um Psicólogo regularmente inscrito no Conselho Regional Psicologia CRP para acompanhálo à entrevista volução. No caso contratação Psicólogo, este verá comparecer, juntamente com o candidato, à entrevista. Conforme Art.8 da resolução CPF nº /2002, não será admitida a remoção dos testes do candidato do seu local arquivamento público, vendo o psicólogo contratado fazer seu trabalho na presença um psicólogo da comissão examinadora, salvo terminação judicial A entrevista volutiva será exclusivamente caráter informativo, não sendo consirado como recurso. As informações técnicas relativas ao perfil só porão ser discutidas com o psicólogo contratado, conforme a legislação vigente da classe. Caso o candidato compareça sozinho à sessão conhecimento das razões, tais aspectos técnicos não serão discutidos, bem como não será permitido o acesso aos testes realizados. 6 Dos Recursos e Pedidos Revisão do Gabarito, Nota da Prova Teóricoobjetiva e Títulos 6.1 Os pedidos revisão do gabarito preliminar, das notas preliminares da prova teóricoobjetiva e títulos terão o prazo terminado no cronograma execução. 6.2 Os recursos e pedidos revisão porão ser dirigidos pessoalmente na FUNDATEC, ou por formulário eletrônico que estará disponível no site Se entregues na FUNDATEC verão fazêlo das 9h às 17h, na Rua Prof. Cristiano Fischer, nº22, Bairro: Partenon, Porto Alegre/RS através formulário próprio, datilografados ou digitados, conforme molo que será disponibilizado no enreço Os recursos dirigidos pessoalmente e protocolados na FUNDATEC, verão estar em envelope fechado, sempre em 2 vias, contendo: a) Nome completo e número inscrição do candidato; b) Cargo a que concorre; c) Nome do Concurso; Edital Abertura Concurso Público /20 d) Objeto do pedido e exposição argumento com fundamentação circunstanciada O candidato porá usar também formulário eletrônico, que será disponibilizado no site e enviar da zero hora do primeiro dia previsto no Cronograma até às 23:59 horas do 3º dia do referido cronograma, obecendo aos mesmos regramentos contidos no item Para a opção por recursos eletrônicos, o candidato verá ter enreço eletrônico, , para confirmar o protocolo recebimento. As orientações estarão disponíveis no site 6.3 Não serão consirados os recursos formulados fora do prazo ou que não contenham elementos indicativos ste Edital. 6.4 Recursos e argumentações apresentados fora das especificações estabelecidas neste Edital e argumentações idênticas serão inferidos. 6.5 Os pontos relativos à questão eventualmente anulada da prova teóricoobjetiva serão atribuídos a todos os candidatos que realizaram a prova. Se houver alteração do gabarito preliminar da prova teóricoobjetiva, por força impugnações ou correção, as provas serão corrigidas acordo com o gabarito finitivo. Em hipótese alguma haverá alteração do quantitativo questões cada uma das partes da prova teóricoobjetiva. 6.6 A Banca Examinadora da FUNDATEC Fundação Universida Empresa Tecnologia e Ciências constitui última instância para recurso, razão pela qual não caberão recursos adicionais. 6.7 Todos os recursos serão analisados e as justificativas da manutenção/alteração gabarito e notas serão divulgadas no enreço eletrônico até um dia útil após a divulgação do gabarito oficial finitivo e/ou das notas oficiais. Não serão encaminhadas respostas individuais aos candidatos. 6.8 Em hipótese alguma serão aceitos pedidos revisão recursos, recursos recursos e/ou recurso gabarito oficial finitivo e notas oficiais Não serão aceitos recursos administrativos revisão gabarito e notas interpostos por facsímile, telex, telegrama, e mail ou outro meio que não o especificado neste Edital Não serão consirados os recursos eletrônicos, que ixarem ser concretizados por falhas computadores, congestionamento linhas ou outros fatores orm técnica. 7 Da Classificação 7.1 A aprovação na prova teóricoobjetiva será prérequisito para a classificação do candidato no(s) cargo(s) ao qual(is) se inscrever. 7.2 A classificação dos candidatos inscritos e aprovados por cargo, conforme opção feita pelos mesmos no momento da inscrição acordo com o quadro 1.1, obecerá ao disposto no item e item 7 e seus subitens. 7.3 A classificação dos candidatos darseá na orm crescente sua pontuação final Para os cargos Nível Superior (cód. 09 a 17) a nota final (NF) será a média ponrada dos pontos obtidos na prova teóricaobjetiva (TO) e dos pontos obtidos na Prova Títulos (PT), conforme cálculo abaixo: NF sendo: = NF = Nota Final; PontosT. O 76 PontosTit Pontos TO = Soma das Questões da prova TeóricaObjetiva ( dos pontos das questões x peso da questão); Pontos Tit. = Soma da Prova Títulos; 11

12 7.3.2 Para os cargos nível técnico (cód. a 08), a nota final (NF) será a média ponrada dos pontos obtidos na prova teóricaobjetiva (TO) conforme fórmula apresentada a seguir: NF = NF = Nota Final; PontosT. O ; sendo: Pontos TO = Soma das Questões da prova Teórica Objetiva ( dos pontos das questões x peso da questão) 7.4 Em caso empate na classificação dos candidatos serão observados, sucessivamente, os seguintes critérios: Ao candidato idoso, maior sessenta (60) anos, conforme Lei Feral n /2003, o primeiro critério sempate será ida, dandose preferência ao ida mais elevada, nos termos do artigo 27, parágrafo único, da referida Lei Para os cargos Nível Superior: Cargo cód.09. a) Maior pontuação na prova Conhecimentos Específicos; b) Maior pontuação na prova Língua Portuguesa; c) Maior pontuação na prova Raciocínio Lógico; d) Maior pontuação na prova Informática; e) Maior pontuação na prova Títulos; Cargo cód.10. a) Maior pontuação na prova Conhecimentos Específicos; b) Maior pontuação na prova Língua Portuguesa; c) Maior pontuação na prova Raciocínio Lógico; d) Maior pontuação na prova Inglês Técnico; e) Maior pontuação na prova Títulos; Todos Nível Superior (exceto para os cargos cód. 09 e 10). a) Maior pontuação na prova Conhecimentos Específicos; b) Maior pontuação na prova Língua Portuguesa; c) Maior pontuação na prova Raciocínio Lógico; d) Maior pontuação na prova Inglês Técnico; e) Maior pontuação na prova Informática; f) Maior pontuação na prova Títulos; Para os cargos Nível Técnico : Para o cargo cód. : a) Maior pontuação na prova Conhecimentos Específicos; b) Maior pontuação na prova Língua Portuguesa; c) Maior pontuação na prova Raciocínio Lógico; d) Maior pontuação na prova Legislação; Para o cargo cód. 03: a) Maior pontuação na prova Conhecimentos Específicos; b) Maior pontuação na prova Língua Portuguesa; c) Maior pontuação na prova Raciocínio Lógico; d) Maior pontuação na prova Inglês Técnico; Todos nível técnico (exceto para os cargos cód. e 03): a) Maior pontuação na prova Conhecimentos Específicos; b) Maior pontuação na prova Língua Portuguesa; c) Maior pontuação na prova Raciocínio Lógico; Persistindo o empate será realizado sorteio público, que será publicado no site com até três (03) dias úteis antes da realização do mesmo. 7.5 Serão publicadas também listas em separado com a classificação geral, dos candidatos portadores ficiência que foram aprovados Não ocorrendo à aprovação candidatos para as vagas reservadas aos portadores ficiência, essas serão preenchidas pelos mais candidatos aprovados. Edital Abertura Concurso Público / A aprovação e classificação final geram para o candidato apenas a expectativa direito à admissão. A SULGÁS reservase o direito procer às admissões, em número que atenda ao interesse e às necessidas do serviço público acordo com a disponibilida orçamentária e o número vagas existentes ou que vierem a ser criadas respeitando o prazo vigência ste Concurso Público. Nos cargos aon há candidatos aprovados do concurso anterior, em que o tempo valida não tiver sido esgotado, haverá prevalência stes candidatos a serem chamados antes sobre os candidatos classificados no presente concurso. 7.8 A FUNDATEC não fornecerá aos candidatos aprovados atestado ou certificado participação ou classificação no Concurso. 8 Das Vantagens e dos Benefícios 8.1 Os candidatos que vierem a ser admitidos farão jus à remuneração, às vantagens e aos benefícios que estiverem vigorando na época das respectivas nomeações. 8.2 Dos Benefícios: Previdência Privada Sulgasprev Fundação Petros. Auxílio Educação. Vale Alimentação/Refeição. Vale Rancho. Vale Transporte. Auxíliocreche. Assistência Médica e Hospitalar UNIMED. Auxílio Psicológico. Remuneração Variável PLR Para os cargos TNM TÉCNICO E TSE ENGENHEIROS conforme laudo técnico que comprove o risco: Periculosida: 30% sobre salário básico. 9 Dos Requisitos Básicos Exigidos para Nomeação 9.1 O candidato aprovado sob responsabilida da FUNDATEC, ao ser convocado para a realização da avaliação médica, sob responsabilida da SULGÁS no surgimento vaga, verá comprovar os seguintes requisitos: Ser brasileiro, nato ou naturalizado, ou gozar das prerrogativas constantes no art. 12 da Constituição Feral e legislações pertinentes Estar em dia com as obrigações eleitorais Ter certificado reservista ou dispensa incorporação, em caso candidato brasileiro, do sexo masculino Ter ida mínima zoito anos completos até a data da admissão Ter aptidão física e mental para o exercício das atribuições do cargo Ser aprovado no Concurso Público e possuir o nível escolarida e requisitos exigidos para o exercício do cargo, conforme estabelecido no item 1.1 ste Edital Cumprir as terminações ste Edital Apresentar 02 (duas) fotografias 3x4, Carteira Trabalho e Previdência Social, fotocópia do Documento Intida, Título Eleitor com comprovante da última eleição, Pessoa Física (CPF), Histórico Escolar ou Diploma, PIS/PASEP, Registro Civil (inclusive dos penntes, se for o caso), Certidão Nascimento dos Filhos, Carteira Vacinação e Comprovante Escolarida dos filhos, Certificado Reservista (sexo masculino), Comprovante Enreço (água, luz), Diploma ou Certificado no que couber, Carteira Registro Inscrição no Órgão classe no que couber, Comprovante Pagamento Registro no Órgão classe (se for o caso), CNH Carteira Nacional Habilitação, se for o caso. Firmar claração nãoacumulação cargos públicos (naqueles em que a lei não prevê impossibilida). Certidão Negativa Criminal da Justiça Estadual e Feral O candidato, na admissão verá comprovar que está em dia com seu respectivo Conselho ou Orm classe no que couber. 12

13 Para os cargos em que for exigida a Carteira Nacional Habilitação, não será aceita a Permissão para Dirigir. 9.2 O candidato será convocado para a comprovação dos requisitos supracitados por meio carta registrada a ser enviada pela SULGÁS ao enreço constante no formulário inscrição. Após a classificação final, a eventual mudança enreço do candidato durante a valida do presente Concurso Público verá ser encaminhada diretamente à SULGÁS A SULGÁS convocará os candidatos para comparecerem à Gerência Executiva Gestão Pessoas, da SULGÁS, a fim manifestarem interesse pela contratação e encaminharem os exames complementares ingresso, através : a) Extrato do Edital a ser publicado no Diário Oficial do Estado, terminando prazo para comparecimento; b) Correspondência com aviso recebimento (AR), através da Empresa Brasileira Correios e Telégrafos ECT concendo ao candidato, ou ao seu procurador, o prazo 05 (cinco) dias úteis, a contar da data entrega da correspondência, para comparecimento; 9.3 Os candidatos terão o prazo 15 (quinze) dias corridos para realizarem os exames inspeção, pondo ser prorrogados a critério da SULGÁS. 9.4 O candidato convocado para a realização qualquer etapa do Concurso Público e que não atendêla no prazo estipulado pela SULGÁS será consirado sistente, sendo automaticamente excluído do cadastro e do Concurso Público. 9.5 O candidato apresentarseá para admissão às suas expensas, sem compromisso da SULGÁS em relação à sua moradia, a qualquer tempo. 9.6 Fica assegurado aos candidatos aprovados em concurso ainda em vigência, à prevalência stes durante a valida do mesmo, sobre os aprovados do presente concurso, se houver. 9.7 Uma vez atendido ao disposto no item 9 e subitens, sendo consirado apto na inspeção saú, o candidato assinará um contrato trabalho experimental com a SULGÁS, por um período sessenta (60) dias pondo ser prorrogado por mais trinta (30) dias, penndo da aprovação em sistema Avaliação realizada conforme critérios da empresa. 9.8 O candidato que, durante a vigência do contrato experiência ou do contrato por tempo interminado, não conseguir aproveitamento satisfatório em sistema Avaliação, conforme critérios a serem estabelecidos pela SULGÁS por ocasião do início do mesmo, terá rescindido seu contrato trabalho. 9.9 Conforme o cargo, porá ser exigida aprovação em Curso Formação Técnicos Nível Médio ( cód. 04, 05, 06, 07 e 08), envolvendo prova Teórica e/ou Estágio Prático, ambos com caráter eliminatório Em se tratando candidato portador ficiência, este verá ser submetido à nova avaliação junto à Gerência Executiva Gestão Pessoas, que se subsidiará do parecer anterior para atribuir aptidão ao respectivo ingresso, inpenntemente do prazo corrido. A avaliação não dispensa do exame médico pericial Se no prazo mencionado (acima) não ocorrer interesse na contratação, formalizado através do comparecimento à Gerência Executiva Gestão Pessoas da empresa para assinatura do contrato, o candidato será consirado sistente O candidato aprovado, quando convocado para participar das próximas etapas do Concurso Público até à admissão, porá las sistir finitiva ou temporariamente Em caso sistência temporária, o candidato renuncia à sua classificação e passa a posicionarse em último lugar na lista dos aprovados, aguardando nova convocação, que porá ou não se efetivar no período vigência do Concurso Público; Em caso sistência temporária formulada após a realização da avaliação médica ficará a posterior admissão condicionada à nova submissão às avaliações constantes sta etapa. Edital Abertura Concurso Público / A divulgação da contratação do candidato darseá através do site da Sulgás, 10. Disposições Gerais 10.1 As inscrições que trata este Edital, implicam o conhecimento das presentes instruções por parte do candidato e seu compromisso tácito aceitar as condições da sua realização É inteira responsabilida o candidato acompanhar a publicação todos os atos, Editais e comunicados referentes a este Concurso Público, nos murais da FUNDATEC, divulgados na internet e no enreço eletrônico A inexatidão e/ou irregularida constatada nas informações, no pagamento da taxa inscrição e nos documentos dos candidatos verificadas posteriormente, tornarão nula a sua inscrição em qualquer momento do Concurso Público (mesmo que já tenha sido divulgado o resultado final do Concurso e embora o candidato tenha sido aprovado, levará à exclusão ste, anulandose todos os atos correntes da inscrição) Os recursos contra a eliminação na etapa comprovação requisitos e na avaliação médica para qualquer dos cargos, verão ser entregues na SULGÁS, pessoalmente pelo candidato ou por procurador legalmente constituído, no prazo cinco dias úteis, contados a partir do dia posterior à comunicação sua eliminação do Concurso Público Os Editais referentes ao Concurso serão divulgados e estarão disponíveis nos murais da FUNDATEC, na Rua Prof. Cristiano Fischer, n.º22, em Porto Alegre, na SULGÁS, e no enreço O extrato do Edital Abertura será divulgado em jornal local. Os Locais Prova serão divulgados em jornal local. Os mais Editais e Avisos serão divulgados nos murais da Fundatec e no site A SULGÁS e a FUNDATEC não se responsabilizarão por quaisquer cursos, textos ou apostilas referentes a este Concurso Público Será responsabilizado legalmente o candidato que em qualquer instância do Concurso Público for responsável por cometer falsa intificação pessoal O candidato verá manter atualizado seu enreço no site da FUNDATEC, enquanto estiver participando da Primeira Etapa do Concurso Público e posteriormente na SULGÁS. O não atendimento a qualquer convocação para quaisquer etapas do Concurso ou admissão, no prazo previsto na convocação, será tido por sistência finitiva, autorizando a SULGÁS a convocar o candidato classificação posterior É responsabilida exclusiva do candidato classificado manterse atualizado É inteira responsabilida do candidato os prejuízos correntes da não atualização seu enreço, não se responsabilizando a SULGÁS e a FUNDATEC por eventuais prejuízos que possa sofrer o candidato em corrência informações incorretas ou insuficientes. A SULGÁS não se responsabiliza por eventuais prejuízos ao candidato correntes : a) Enreço não atualizado; b) Enreço difícil acesso; c) Correspondência volvida pela ECT, qualquer que seja a razão; d) Correspondência recebida por terceiros A correspondência enviada ao enreço fornecido pelo candidato presumese entregue Legislação com entrada em vigor após a data publicação ste Edital, bem como alterações em dispositivos legais e normativos a ele posteriores, não serão objeto avaliação nas provas do Concurso Público Não será fornecido ao candidato qualquer documento comprobatório classificação no presente Concurso Público, valendo, para este fim, a homologação divulgada pela SULGÁS. 13

14 10.13 Os casos omissos serão resolvidos pela Equipe Concursos Públicos da FUNDATEC em conjunto com a Comissão Concursos da SULGÁS Os documentos concernentes ao presente Concurso Público serão enviados a SULGÁS. Edital Abertura Concurso Público /20 Porto Alegre, 27 zembro 20. Antônio Gregório Goidanich DiretorPresinte da SULGÁS 14

15 ANEXO I QUADRO DEMONSTRATIVO DE PROVAS Cargos Provas/Conteúdos Caráter Cargos Nível Superior: 11, 12, 13, 14, 15, 16 e 17. Cargo Nível Superior: Cód. 10. Cargo Nível Superior: Cód. 09. Cargo Nível Técnico: Cód. 03. Cargos Nível Técnico Cód. 02, 04, 05, 06, 07 e 08. Cargo Nível Técnico Cód.. Língua Portuguesa Informática Inglês Técnico Raciocínio Lógico Conhecimentos Específicos (C/E) Eliminatório N Questões (50) Peso da questão 02 Pontuação da Questão Nº Mínimo Acertos 13 Pontuação Mínima para Aprovaçã o Prova Títulos 20% Língua Portuguesa Inglês Técnico Raciocínio Lógico Conhecimentos Específicos (C/E) Eliminatório % Peso da prova 80% 50% 80% Prova Títulos 20% Língua Portuguesa Informática Raciocínio Lógico Conhecimentos Específicos (C/E) Eliminatório Prova Títulos 20% Língua Portuguesa Raciocínio Lógico Inglês Técnico Conhecimentos Específicos (C/E) Língua Portuguesa Raciocínio Lógico Conhecimentos Específicos (C/E) Língua Portuguesa Raciocínio Lógico Legislação Conhecimentos Específicos (C/E) Eliminatório Eliminatório Eliminatório Classificatórias (C/E) Classificatórias/ Eliminatórias % 50% 80% 100% 50% 100% 50% 100%

16 Edital Abertura Concurso Público /20 ANEXO II QUADRO DEMONSTRATIVO DE PROVAS DE TÍTULOS A pontuação da Prova Títulos obecerá a seguinte tabela, numa escala 0 (zero) a 10 (z), com duas casas cimais, para um multiplicador 20% do total da nota. Descrição Máximo Pontos 1. GRAUS ACADÊMICOS 2,00 pontos 1.2 Graduação a partir do segundo título na área da carreira. 0,80 pontos 1.3 Cursos Aperfeiçoamento, 100 a 300 horas na área da carreira. 0,80 pontos 1.4 Cursos PósGraduação, no mínimo 360 horas na área da carreira. 1,20 pontos 2. EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL NA ÁREA DE ATUAÇÃO PARA O QUAL O CANDIDATO ESTÁ CONCORRENDO 2.1 Experiência técnica Na área da carreira, até 05 anos 8,00 pontos 1,6 por ano ativida a) Toda comprovação experiência verá ser feita através currículo, acompanhado : (1) cópia da carteira profissional comprovando empresas on o candidato atuou e/ou claração ou atestado capacitação técnica emitido pela empresa, ou: (2) Certidão Acervo Técnico da claração ou atestado emitida pelos respectivos Conselhos Profissionais ou; certidão tempo serviço. b) Para os cargos Técnico Superior Linha Administrativos TSA e Técnico Superior Linha Engenharias TSE a experiência verá ser comprovada nas áreas relativas ao constante no Quadro Demonstrativo do concurso. c) Somente serão consirados, para efeito pontuação, certificados dos cursos relacionados às atividas do cargo / função para qual o candidato está concorrendo. d) A comprovação cursos será feita por apresentação cópia autenticada do diploma ou certificado do referido curso. e) O candidato verá apresentar certificado conclusão da segunda graduação, pósgraduação ou MBA autenticado, em nível Especialização ou diploma Mestrado e/ou Doutorado, vidamente registrado em instituições reconhecidas pelo MEC. f) O diploma ou certificado, indicado no item (letra e ), porá ser substituído por certidão da Instituição Ensino que o expedir, em que conste obrigatoriamente a conclusão do respectivo curso pelo candidato e que o respectivo diploma ou certificado foi expedido encontrase em fase registro junto aos órgãos competentes. MOTIVO DA NÃO VALORIZAÇÃO DOS TÍTULOS 1. Nome diferente do que consta na folha ótica e não apresentou documento comprovando troca nome (casamento/divórcio); 2. Prazo conclusão do curso posterior ao dia da publicação dos aprovados; 3. Sem carga horária mínima exigida, quando necessário; 4. Número títulos ultrapassa o máximo permitido; 5. Falta assinatura no documento apresentado; 6. Não relacionado com as atribuições do cargo; 7. Sem tradução quando feito no exterior; 8. Sem equivalência à titulação exigida; 9. Cópia do documento não autenticado; 10. Outros omissos: cisão da Comissão do Concurso Público. O candidato verá entregar cópia autenticada em envelope fechado no enreço da Fundatec ou enviar por SEDEX (ver item 5.2 e subitens). O envelope fechado verá intificar o nome do candidato, número inscrição, nome do cargo e nome do Concurso. É responsabilida do candidato o envio em enreço correto nas datas previstas em Edital. 16

17 Edital Abertura Concurso Público /20 ANEXO III PROGRAMAS E BIBLIOGRAFIAS Ver Anexo I Quadro Demonstrativo Provas para conhecimento das partes integrantes da prova teóricoobjetiva NÍVEL TÉCNICO LÍNGUA PORTUGUESA As questões Língua Portuguesa versarão sobre o programa abaixo. Não serão elaboradas questões que envolvam o conteúdo relativo ao Acordo Ortográfico promulgado pelo Decreto n.º 6.583, 29/09/2008. CONTEÚDOS: 1. Análise e interpretação texto. 1.1 Compreensão global do texto. 1.2 Estrutura do texto e dos parágrafos. 1.3 Idéias principais e secundárias. 1.4 Elementos coesão. 1.5 Inferências. 1.6 Efeitos sentido. 2. Vocabulário. 2.1 Significado palavras e expressões no texto. 2.2 Substituições palavras e expressões no texto. 2.3 Estrutura e formação palavras. 2.4 Denotação e conotação. 3 Aspectos linguísticos. 3.1 Ortografia: emprego letras. 3.2 Fonética: relações entre fonemas e letras; classificação dos fonemas; encontros consonantais e vocálicos; dígrafos. 3.3 Acentuação gráfica. 3.4 Emprego e flexão das classes gramaticais. 3.5 Relações morfossintáticas. 3.6 Vozes verbais. 3.7 Concordância nominal e verbal. 3.8 Regência nominal e verbal. 3.9 Crase Processos coornação e subordinação Pontuação Nexos Equivalência estruturas. BIBLIOGRAFIAS: 1. CEGALLA, Domingos Paschoal. Novíssima gramática da língua portuguesa. 46ª ed. São Paulo: Companhia Editora Nacional, FERREIRA, Aurélio Buarque Holanda. Novo dicionário da língua portuguesa. 6ª ed. Rio Janeiro: Nova Fronteira, FIORIN, José Luiz; SAVIOLI, Francisco Platão. Para entenr o texto: leitura e redação. 5ª ed. 3ª reimpressão. São Paulo: Ática, INFORMÁTICA CONTEÚDOS: 1. Conhecimentos do sistema operacional Microsoft Windows XP Professional: (1) saber intificar, usar e configurar os componentes da Área Trabalho, do Menu Iniciar (Programas, Documentos, Configurações, Pesquisar, Ajuda e suporte, Executar e Desligar o computador), as Propriedas da Barra Tarefas e do menu Iniciar e o Gerenciador tarefas, utilizando menus, ícones, teclado e/ou mouse. (2) Windows Explorer, Meu Computador, Painel Controle e Lixeira: intificar, usar e configurar ambientes, componentes da janela, menus, barras ferramentas e ícones; utilizar funcionalidas dos programas e aplicativos através menus, ícones, teclado e/ou mouse; (3) realizar ações e operações sobre arquivos e pastas: copiar, mover, excluir, recortar, colar, renomear, abrir, abrir com, editar, enviar para, propriedas, etc.; e (4) intificar e utilizar nomes válidos para arquivos e pastas. 2. Conhecimentos sobre os programas Microsoft Word 2003 e versões superiores: (1) saber intificar, caracterizar, usar, 17 configurar e personalizar o ambiente, componentes da janela, funcionalidas, menus, ícones, barra ferramentas, guias, grupos e botões; (2) abrir, fechar, criar, visualizar, formatar, salvar, configurar um documento, utilizado barra ferramentas, menus, ícones, guias, grupos, botões, teclado e/ou mouse; (3) intificar e utilizar os ícones das barras ferramentas padrão, tabelas e bordas, formatação e senho, para formatar, configurar e reconhecer a formatação textos e documentos; (4) intificar e utilizar os botões das guias Início, Inserir, Layout padrão, Referências, Revisão e Exibição, para formatar, personalizar, configurar e reconhecer a formatação textos e documentos. 3. Conhecimentos sobre o programa Microsoft Excel 2003 e versões superiores: (1) saber intificar, caracterizar, usar, configurar e personalizar o ambiente, componentes da janela, funcionalidas, menus, ícones, barra ferramentas, guias, grupos e botões; (2) finir e intificar célula, planilha e pasta; (3) abrir, fechar, criar, visualizar, formatar, salvar, excluir, renomear, personalizar, configurar planilhas e pastas, utilizando barra ferramentas, menus, ícones, guias, grupos, botões, teclado e/ou mouse; (4) intificar e usar os ícones das barras ferramentas padrão, senho, formatação e bordas para formatar, configurar e reconhecer a formatação textos e documentos; (5) intificar e utilizar os botões das guias Início, Inserir, Layout da página, Fórmulas, Dados, Revisão e Exibição, para formatar, personalizar, configurar e reconhecer a formatação documentos. 4. Conhecimentos sobre Internet, Intranet e Correio Eletrônico: conceituar, intificar, caracterizar e diferenciar Internet, Intranet e Correio Eletrônico. Internet Explorer 6 e versões superiores: (1) intificar o ambiente, características e componentes da janela principal do Internet Explorer; (2) intificar e usar as funcionalidas da barra ferramentas, status e do Explorer; (3) intificar e usar as funcionalidas dos menus Arquivo, Editar, Exibir, Favoritos, Ferramentas e Ajuda; (4) intificar e usar as funcionalidas das barras Menus, Favoritos, Botões do Modo Exibição Compatibilida, Barra Comandos, Barra Status; e (5) intificar e usar as funcionalidas dos menus Arquivo, Editar, Ir para, Favoritos e Ajuda. Outlook Express 6 e versões superiores e MS Outlook 2003 e versões superiores: (1) intificar o ambiente, características e componentes da janela principal; (2) intificar e saber usar as funcionalidas das barras Menus (Arquivo, Editar, Exibir, Ferramentas, Mensagem e Ajuda), Ferramentas e Modos Exibição, do MS Outlook; (3) intificar e usar a barra menus e ícones da barra ferramentas do Outlook Express; e (4) intificar e saber abrir, fechar, criar, visualizar, formatar, salvar, excluir, renomear, enviar e receber , utilizando funcionalidas da barra ferramentas, menus, ícones, botões, teclado e/ou mouse. BIBLIOGRAFIAS: 1. BATTISTI, Júlio. Windows XP Home & Professional Para Usuários e Administradores. Rio Janeiro: Axcel Books do Brasil Editora, MEYER, Marilyn, BABER, Roberta, PFAFFENBERGER, Bryan. Nosso Futuro e o Computador. Porto Alegre: Bookman, MICROSOFT CORPORATION. Ajuda do Microsoft, Windows XP Professional. (Ajuda eletrônica integrada ao MS Windows XP Professional). 4. MICROSOFT CORPORATION. Ajuda do Microsoft Word 2003 e versões superiores. (Ajuda eletrônica integrada ao Programa MS Word 2003 e versões superiores). 5. MICROSOFT CORPORATION. Ajuda do Microsoft Excel 2003 e versões superiores. (Ajuda eletrônica integrada ao Programa MS Excel 2003 e versões superiores). 6. MICROSOFT CORPORATION. Ajuda do Internet Explorer 6 e versões superiores (Ajuda eletrônica integrada ao

18 Programa Internet Explorer 6 e versões superiores). 7. MICROSOFT CORPORATION. Ajuda do Microsoft Outlook 2003 e versões superiores (Ajuda eletrônica integrada ao Programa MS Outlook 2003 e versões superiores). 8. MICROSOFT CORPORATION. Ajuda do Outlook Express 6 e versões superiores (Ajuda eletrônica integrada ao Programa Outlook Express 6 e versões superiores). RACIOCÍNIO LÓGICO CONTEÚDOS: 1. LÓGICA E RACIOCÍNIO LÓGICO: Problemas envolvendo lógica e raciocínio lógico. 2. SEQÜÊNCIA DE FIGURAS. 3. OPERAÇÕES LÓGICAS SOBRE PROPOSIÇÕES: Negação uma proposição. Conjugação duas proposições. Disjunção duas proposições. Proposição condicional. Proposição bicondicional. 4. TABELASVERDADE DE PROPOSIÇÕES COMPOSTAS: Construção Proposições Conjuntas. TabelaVerda Proposições Conjuntas. 5. TAUTOLOGIAS E CONTRADIÇÕES: Definição tautologia. Definição contradição. 6. ÁLGEBRA BOOLEANA. 7. EQUIVALÊNCIA LÓGICA E IMPLICAÇÃO LÓGICA: Equivalência lógica. Propriedas da relação equivalência lógica. Recíproca, contrária e contrapositiva uma proposição condicional. Implicação lógica. Princípio substituição. Proprieda da implicação lógica. 8. ÁLGEBRA DAS PROPOSIÇÕES: Proprieda impotente. Proprieda comutativa. Proprieda associativa. Proprieda distributiva. Proprieda absorção. Leis Morgan. 9. ARGUMENTOS: Conceito argumento. Valida um argumento. Critério valida um argumento. 10. SENTENÇAS ABERTAS: Sentenças abertas com uma variável. Conjuntoverda. Sentenças abertas com duas 11. variáveis. Conjuntoverda uma sentença aberta com duas variáveis. Sentenças abertas com n variáveis. Conjuntoverda uma sentença aberta com n variáveis. 12. OPERAÇÕES LÓGICAS SOBRE SENTENÇAS ABERTAS: Conjunção. Disjunção. Negação. BIBLIOGRAFIAS: 1. ALENCAR, Edgar F. Iniciação à lógica matemática. 18 ed. São Paulo: Livraria Nobel S.A., NAHRA, Cinara, WEBER, Ivan H. Através da lógica. 4 ed. Petrópolis: Vozes, NOLT, John, ROHATYN, Dennis. Lógica. São Paulo: Schaum McGrawHill, SÉRATES, Jonofon. Raciocínio Lógico. Editora do Autor. 5. SÉRATES, J. Raciocínio lógico: lógico matemático, lógico quantitativo, lógico numérico, lógico analítico, lógico crítico. 5º ed. Brasília: Gráfica e Editora Olímpica Ltda, COSTA, N. da. Ensaio sobre os Fundamentos da Lógica. São Paulo: Hucitec, MORTARI, Cezar A. Introdução à Lógica. Editora da UNESP, OLIVEIRA, A. J. F.. Lógica e aritmética. Brasília: Editora UnB, ROCHA, Enrique. Raciocínio Lógico Você consegue Aprenr. Série Provas e Concursos. 2. ed. São Paulo: ImpetusCampus, INGLÊS TÉCNICO, EXCETO PARA O CARGO Diretoria e Gerências CONTEÚDOS: Compreensão textos escritos em Língua Inglesa; gramática para a compreensão conteúdos semânticos em Inglês Técnico. BIBLIOGRAFIAS: 1. MURPHY, R. English Grammar in Use: intermediate stunts. São Paulo: Cambridge do Brasil, REDMAN, S. English Vocabulary in Use: preintermediate & intermediate. São Paulo: Cambridge do Brasil, SWAN, M. & WALTER, C. The Good Grammar Book. São Paulo: Oxford do Brasil, Edital Abertura Concurso Público /20 LEGISLAÇÃO SOMENTE PARA O CARGO Diretoria e Gerências CONTEÚDOS: Legislação: Licitações Lei 8666/93 e alterações. Pregão Eletrônico e Presencial creto nº 3.555, 8 agosto Decreto nº 5.450, 31 maio Lei nº , 17 julho Lei nº , 10 junho dispõe sobre a cotação eletrônica preços. Lei nº , 30 junho pregão eletrônico no âmbito do Estado RS. PROGRAMAS PARA AS PROVAS DE CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS NÍVEL TÉCNICO CÓDIGO ÁREA: DIRETORIA E GERÊNCIA 1. Tecnologias Informação e Comunicação: internet, intranet, o correio e agenda eletrônicos, o telefone móvel, o computador portátil, softwares. 2. Habilidas técnicas, humanas e gerenciais da secretária. 3. Gerenciar as rotinas com eficácia, consirando o trinômio qualidatempocusto; gestão da informação filtrando as informações eletrônicas (agendas diversas). 4. Gestão Arquivos: impressos e eletrônicos. 5. Aspectos Gerais da Redação Oficial: finição, formalida e padronização, impessoalida, linguagem dos atos e comunicações oficiais, concisão e clareza, editoração textos. 6. Comunicação e relações interpessoais nas organizações. 7. Trabalho em equipe. 8. Atendimento a clientes externos e internos. 9. Organização do local trabalho (Programa 5S/Ergonomia). 10. Qualidas Pessoais: equilíbrio emocional, autoconhecimento, integração, autonomia, autoestima,autoconfiança, respeito. CÓDIGO 02 AREA: FINANÇAS CONTABILIDADE TNM Administração Pública: Conceitos; Administração Pública: direta e indireta; classificação e características. Orçamento Público: conceitos; princípios orçamentários; Créditos Adicionais. Controles Interno e Externo: controle interno e controle externo no âmbito do Rio Gran do Sul. Licitação Pública: conceito; modalidas; dispensa e inexigibilida. Contabilida Geral: Teoria Contábil: conceitos, princípios fundamentais, elementos e situações patrimoniais, regimes e métodos contábeis. Prática Contábil: Escrituração, conciliações, métodos avaliações estoques e relatórios contábeis. Custos: Conceitos, Classificações, Apuração Custos e Análise custovolumelucro. Práticas Escrituração: Depreciações; atualizações monetárias; baixas, incorporações, apropriações e cálculos diversos para ajustes dos elementos patrimoniais. CÓDIGO 03 AREA: TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO PROGRAMAÇÃO TNM Conceitos Básicos Informática; Lógica programação, aspectos das linguagens programação, algoritmos e estruturas dados (tipos elementares e estruturados); Interpretação e compilação programas. Conceitos máquinas virtuais. Princípios da orientação a objetos (classes, herança, polimorfismo, objeto, construtores); Estratégias e testes Software; Conceituação e Caracterização ferramentas CASE; Linguagens programação: Conceitos sobre linguagens programação HTML, ASP, Java/JSP, JavaScript, CSS; Arquitetura MVC Design, Análise e Documentação: Conhecimentos UML. SGBD : Conceitos básicos; Molo Entida/Relacionamento; Abordagem relacional; Linguagem SQL padrão ANSI 92. SGBD Oracle / SQL Server; Re Computadores: Conceitos Básicos. Molo ISO/OSI: Camadas, protocolos e serviços re (DNS, TCP/IP, FTP, SSL, Certificação); Sistemas Operacionais: Windows XP, Vista e Linux; Conceitos Workflow; Conceitos Sistemas Integrados Gestão (ERP);

19 CÓDIGO 04 ÁREA: ENGENHARIA DE DUTOS TNM Gás Natural: Definição, composição, vantagens, segurança. Transporte, Gasoduto BolíviaBrasil, TSB. s Brasileiras e Mundiais. Termodinâmica: Conceitos básicos. Propriedas termodinâmicas. Conceitos calor, temperatura e energia interna. Lei dos gases. Resistência dos materiais: Noções vetores. Estruturas aço e maira. Cargas, esforços e dimensionamento estruturas isostáticas em vigas e treliças (Cremona). Mecânica dos Fluidos: Conceitos básicos. Propriedas físicas dos fluídos (peso, massa e volumes específicos, pressão, temperatura). Cálculos hidrostática, vazão, pressão, velocida. Orçamentação e programação obras: Conceitos composição preços unitários, custos obras. Cronograma físicofinanceiro, Gráfico Gant. Eletricida: Cálculo circuitos corrente elétrica em série e em paralelo, Princípios eletromagnetismo, indução. Projetos: Topografia, erro, coornadas, levantamentos planialtimétricos, medição física obras, cálculo áreas, transformações e sistemas unidas (SI); uso da Ferramenta AutoCad para projetos, interpretação senho técnico, vistas em planta, seções, cortes. Desenho Técnico Tubulações: Tubulações e acessórios utilizados em gasodutos aço carbono. Válvulas: tipos, aplicações, vantagens e svantagens. NORMAS; ABNT NBR 12712(Projeto e construção res distribuição gás). SOLDAGEM Métodos, parâmetros para soldagem em aços e em PEAD. TRATAMENTO DE SUPERFÍCES Para tratamento superfícies: Jateamento, pintura e condições atmosféricas (umida relativa, temperatura bulbo seco e úmido). CÓDIGO 05 AREA: ENGENHARIA DE SISTEMAS TNM Transmissão dados; Protocolos re( características,aplicações, Estrutura OSI Arquitetura res e dados (Roteadores, Switches).. Conhecimento barramento RS485.Conhecimento interfaces RS232.Conhecimento interfaces Ethernet Automação industrial. Sistemas automação industrial e monitoração remota. Programação CLPcontrole lógicos programáveis. Conhecimento interfaces automação 420 ma 0,5 v 1v 5v Eletrônica Circuitos elétricos. Eletrônica Básica. Leis Kirchof Tevenin. Malhas e Nós. Circuitos e Analógicos e Digitais.Conceito impedância em circuitos Eletricida Normas. Indução Eletromagnética. Propriedas Isolante( rigiz dielétrica,condutivida). Queda tensão. Seletivida Dispositivos proteção. Conhecimento DRrelés diferenciais. Aterramentos elétricos (técnica medições resistivida e resistência, normas). SPDA( características,instalações,materiais,normas). Instrumental Multímetro Analógico e digitais (propriedas,características,vantagens e svantagens). Amperímetro. Megometro. Medidor Resistência Aterramento. Medidor resistivida do Solo. Conceito impedância interna do instrumento. Conceito carregamento interferência do medidor no valor medido. Conhecimento sistemas computação. Noções camadas softwares aplicação. Conceitos sistemas operacionais. CÓDIGO 06 E 07 AREA: OPERAÇÃO E MANUTENÇÃO TNM Caia Produção e Consumo do GN. Fundamentos dos gases. Noções segurança aplicadas a sistemas a gás. Normas regulamentadoras. Aspectos gerais da instrumentação. Pressão. Temperatura. Vazão. Elemento final controle. Controle processos. Conversões medidas. Metrologia e Calibração. Técnicas básicas senho e uso autocad. Noções Básicas soldagem. Noções ajustagem mecânica. Corrosão e técnicas proteção contra corrosão. Elementos eletricida e circuitos elétricos. Instrumentos indicadores eletromecânicos. Instrumentos eletrônicos medidas elétricas. Osciloscópios. Geração e análise sinais. Transdutores e sistemas 19 Edital Abertura Concurso Público /20 medição. Tatamento superfícies Jateamento, pintura e condições atmosféricas (umida relativa, temperatura bulbo seco e úmido). Tubulações e acessórios utilizados em tubulações aço carbono e polietileno em obras aéreas e subterrâneas. Válvulas: tipos, seleção e especificação. CÓDIGO 08 ÁREA: QUALIDADE TNM Gás Natural: exploração, produção, transporte e distribuição. Propriedas do Gás Natural. PDCA. ISO Requisitos Sistema Gestão: Controle Auditorias internas. Housekeeping (5S). Controle ações corretivas. Gerenciamento documentos. Elaboração procedimentos. Ciclo PDCA. Probabilida e Estatística Básica. NÍVEL SUPERIOR LÍNGUA PORTUGUESA As questões Língua Portuguesa versarão sobre o programa abaixo. Não serão elaboradas questões que envolvam o conteúdo relativo ao Acordo Ortográfico promulgado pelo Decreto n.º 6.583, 29/09/2008. CONTEÚDOS: 1. Leitura e compreensão textos 1.1 Assunto. 1.2 Estruturação do texto. 1.3 Idéias principais e secundárias. 1.4 Relação entre idéias. 1.5 Idéia central e intenção comunicativa. 1.6 Efeitos sentido. 1.7 Figuras linguagem. 1.8 Recursos argumentação. 1.9 Informações implícitas: pressupostos e subentendidos Coesão e coerência textuais. 2. Léxico 2.1 Significação palavras e expressões no texto. 2.2 Substituição palavras e expressões no texto. 2.3 Estrutura e formação palavras (valor dos afixos e dos radicais). 3. Aspectos linguísticos 3.1 Relações morfossintáticas. 3.2 Ortografia: sistema oficial vigente. 3.3 Relações entre fonemas e grafias. 3.4 Acentuação gráfica. 3.5 Flexões e emprego classes gramaticais. 3.6 Vozes verbais e sua conversão. 3.7 Concordância nominal e verbal. 3.8 Regência nominal e verbal. 3.9 Paralelismos Regência Emprego do acento indicativo crase Colocação termos e orações no período Coornação e subordinação: emprego das conjunções, das locuções conjuntivas e dos pronomes relativos; orações reduzidas Equivalência e transformação estruturas Pontuação. BIBLIOGRAFIAS: 1. BECHARA, Evanildo. Gramática Escolar da Língua Portuguesa. 1ª ed. 6ª reimpressão. Rio Janeiro: Ed. Lucerna, CEGALLA, Domingos Paschoal. Novíssima gramática da língua portuguesa. 46ª ed. São Paulo: Companhia Editora Nacional, FERREIRA, Aurélio Buarque Holanda. Novo dicionário da língua portuguesa. 6ª ed. Rio Janeiro: Nova Fronteira, FIORIN, José Luiz; SAVIOLI, Francisco Platão. Para entenr o texto: leitura e redação. 5ª ed. 3ª reimpressão. São Paulo: Ática, LUFT, Celso Pedro. Dicionário Prático Regência Verbal. 8ª ed. São Paulo: Ática, 2008.

20 INFORMÁTICA, EXCETO PARA O CARGO 10 Tecnologia da Informação PROGRAMA: 1. Conhecimentos do sistema operacional Microsoft Windows XP Professional: (1) saber intificar, usar e configurar os componentes da Área Trabalho, do Menu Iniciar (Programas, Documentos, Configurações, Pesquisar, Ajuda e suporte, Executar e Desligar o computador), as Propriedas da Barra Tarefas e do menu Iniciar e o Gerenciador tarefas, utilizando menus, ícones, teclado e/ou mouse. (2) Windows Explorer, Meu Computador, Painel Controle e Lixeira: intificar, usar e configurar ambientes, componentes da janela, menus, barras ferramentas e ícones; utilizar funcionalidas dos programas e aplicativos através menus, ícones, teclado e/ou mouse; (3) realizar ações e operações sobre arquivos e pastas: copiar, mover, excluir, recortar, colar, renomear, abrir, abrir com, editar, enviar para, propriedas, etc.; e (4) intificar e utilizar nomes válidos para arquivos e pastas. 2. Conhecimentos sobre os programas Microsoft Word 2003 e versões superiores: (1) saber intificar, caracterizar, usar, configurar e personalizar o ambiente, componentes da janela, funcionalidas, menus, ícones, barra ferramentas, guias, grupos e botões; (2) abrir, fechar, criar, visualizar, formatar, salvar, configurar um documento, utilizado barra ferramentas, menus, ícones, guias, grupos, botões, teclado e/ou mouse; (3) intificar e utilizar os ícones das barras ferramentas padrão, tabelas e bordas, formatação e senho, para formatar, configurar e reconhecer a formatação textos e documentos; (4) intificar e utilizar os botões das guias Início, Inserir, Layout padrão, Referências, Revisão e Exibição, para formatar, personalizar, configurar e reconhecer a formatação textos e documentos. 3. Conhecimentos sobre o programa Microsoft Excel 2003 e versões superiores: (1) saber intificar, caracterizar, usar, configurar e personalizar o ambiente, componentes da janela, funcionalidas, menus, ícones, barra ferramentas, guias, grupos e botões; (2) finir e intificar célula, planilha e pasta; (3) abrir, fechar, criar, visualizar, formatar, salvar, excluir, renomear, personalizar, configurar planilhas e pastas, utilizando barra ferramentas, menus, ícones, guias, grupos, botões, teclado e/ou mouse; (4) intificar e usar os ícones das barras ferramentas padrão, senho, formatação e bordas para formatar, configurar e reconhecer a formatação textos e documentos; (5) intificar e utilizar os botões das guias Início, Inserir, Layout da página, Fórmulas, Dados, Revisão e Exibição, para formatar, personalizar, configurar e reconhecer a formatação documentos. 4. Conhecimentos sobre Internet, Intranet e Correio Eletrônico: conceituar, intificar, caracterizar e diferenciar Internet, Intranet e Correio Eletrônico. Internet Explorer 6 e versões superiores: (1) intificar o ambiente, características e componentes da janela principal do Internet Explorer; (2) intificar e usar as funcionalidas da barra ferramentas, status e do Explorer; (3) intificar e usar as funcionalidas dos menus Arquivo, Editar, Exibir, Favoritos, Ferramentas e Ajuda; (4) intificar e usar as funcionalidas das barras Menus, Favoritos, Botões do Modo Exibição Compatibilida, Barra Comandos, Barra Status; e (5) intificar e usar as funcionalidas dos menus Arquivo, Editar, Ir para, Favoritos e Ajuda. Outlook Express 6 e versões superiores e MS Outlook 2003 e versões superiores: (1) intificar o ambiente, características e componentes da janela principal; (2) intificar e saber usar as funcionalidas das barras Menus (Arquivo, Editar, Exibir, Ferramentas, Mensagem e Ajuda), Ferramentas e Modos Exibição, do MS Outlook; (3) intificar e usar a barra menus e ícones da barra ferramentas do Outlook Express; e (4) intificar e saber abrir, fechar, criar, visualizar, formatar, salvar, excluir, renomear, enviar e receber , utilizando funcionalidas da barra ferramentas, menus, ícones, botões, teclado e/ou mouse. Edital Abertura Concurso Público /20 1. BATTISTI, Júlio. Windows XP Home & Professional Para Usuários e Administradores. Rio Janeiro: Axcel Books do Brasil Editora, MEYER, Marilyn, BABER, Roberta, PFAFFENBERGER, Bryan. Nosso Futuro e o Computador. Porto Alegre: Bookman, MICROSOFT CORPORATION. Ajuda do Microsoft, Windows XP Professional. (Ajuda eletrônica integrada ao MS Windows XP Professional). 4. MICROSOFT CORPORATION. Ajuda do Microsoft Word 2003 e versões superiores. (Ajuda eletrônica integrada ao Programa MS Word 2003 e versões superiores). 5. MICROSOFT CORPORATION. Ajuda do Microsoft Excel 2003 e versões superiores. (Ajuda eletrônica integrada ao Programa MS Excel 2003 e versões superiores). 6. MICROSOFT CORPORATION. Ajuda do Internet Explorer 6 e versões superiores (Ajuda eletrônica integrada ao Programa Internet Explorer 6 e versões superiores). 7. MICROSOFT CORPORATION. Ajuda do Microsoft Outlook 2003 e versões superiores (Ajuda eletrônica integrada ao Programa MS Outlook 2003 e versões superiores). 8. MICROSOFT CORPORATION. Ajuda do Outlook Express 6 e versões superiores (Ajuda eletrônica integrada ao Programa Outlook Express 6 e versões superiores). INGLÊS TÉCNICO, EXCETO PARA O CARGO 09 Comunicação CONTEÚDOS: Compreensão textos escritos em Língua Inglesa; gramática para a compreensão conteúdos semânticos em Inglês Técnico. BIBLIOGRAFIAS: 1. MURPHY, R. English Grammar in Use: intermediate stunts. São Paulo: Cambridge do Brasil, REDMAN, S. English Vocabulary in Use: preintermediate & intermediate. São Paulo: Cambridge do Brasil, SWAN, M. & WALTER, C. The Good Grammar Book. São Paulo: Oxford do Brasil, RACIOCÍNIO LÓGICO CONTEÚDOS: 1. LÓGICA E RACIOCÍNIO LÓGICO: Problemas envolvendo lógica e raciocínio lógico. 2. SEQÜÊNCIA DE FIGURAS. 3. OPERAÇÕES LÓGICAS SOBRE PROPOSIÇÕES: Negação uma proposição. Conjugação duas proposições. Disjunção duas proposições. Proposição condicional. Proposição bicondicional. 4. TABELASVERDADE DE PROPOSIÇÕES COMPOSTAS: Construção Proposições Conjuntas. TabelaVerda Proposições Conjuntas. 5. TAUTOLOGIAS E CONTRADIÇÕES: Definição tautologia. Definição contradição. 6. ÁLGEBRA BOOLEANA. 7. EQUIVALÊNCIA LÓGICA E IMPLICAÇÃO LÓGICA: Equivalência lógica. Propriedas da relação equivalência lógica. Recíproca, contrária e contrapositiva uma proposição condicional. Implicação lógica. Princípio substituição. Proprieda da implicação lógica. 8. ÁLGEBRA DAS PROPOSIÇÕES: Proprieda impotente. Proprieda comutativa. Proprieda associativa. Proprieda distributiva. Proprieda absorção. Leis Morgan. 9. ARGUMENTOS: Conceito argumento. Valida um argumento. Critério valida um argumento. 10. SENTENÇAS ABERTAS: Sentenças abertas com uma variável. Conjuntoverda. Sentenças abertas com duas 11. variáveis. Conjuntoverda uma sentença aberta com duas variáveis. Sentenças abertas com n variáveis. Conjuntoverda uma sentença aberta com n variáveis. 12. OPERAÇÕES LÓGICAS SOBRE SENTENÇAS ABERTAS: Conjunção. Disjunção. Negação. Bibliografia: 20

CIA. DE GÁS DO ESTADO DO RS SULGÁS CONCURSO PÚBLICO 01/2008. Edital de Abertura 01/2008

CIA. DE GÁS DO ESTADO DO RS SULGÁS CONCURSO PÚBLICO 01/2008. Edital de Abertura 01/2008 CIA. DE GÁS DO ESTADO DO RS SULGÁS CONCURSO PÚBLICO /2008 Edital Abertura /2008 V.27 Executora CONCURSO PÚBLICO /2008 SULGÁS EDITAL DE ABERTURA N.º /2008 Edital Abertura Concurso Público /2008 A SULGÁS

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PÚBLICO Nº01/2011

PROCESSO SELETIVO PÚBLICO Nº01/2011 CREMERS Conselho Regional Medicina do Estado do Rio Gran do Sul PROCESSO SELETIVO PÚBLICO Nº01/2011 Edital Abertura V6 Edital Abertura Processo Seletivo Público Nº 01/2011 PROCESSO SELETIVO PÚBLICO Nº01/2011

Leia mais

PREFEITURA DE CARUARU CONCURSO PÚBLICO EDITAL Nº. 002/2006 - PMC

PREFEITURA DE CARUARU CONCURSO PÚBLICO EDITAL Nº. 002/2006 - PMC PREFEITURA DE CARUARU CONCURSO PÚBLICO EDITAL Nº. 002/2006 - PMC A Prefeitura Municipal de Caruaru/PE divulga a realização do CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TÍTULOS para o provimento dos cargos de Professor

Leia mais

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE PROVAS

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE PROVAS EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE PROVAS No uso das atribuições legais, e mediantes as condições estipuladas nos Editais e Comunicados oficiais publicados no site www.selecao.uneb.br/dpe2012, CONVOCA os Candidatos

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 2010/1 EDITAL Nº 9 IFRS Campus Sertão, DE 09 DE OUTUBRO DE 2009

PROCESSO SELETIVO 2010/1 EDITAL Nº 9 IFRS Campus Sertão, DE 09 DE OUTUBRO DE 2009 Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul Campus PROCESSO SELETIVO 2010/1 EDITAL Nº 9 IFRS Campus,

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DE PROVAS E TÍTULOS PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM EMPREGOS DE NÍVEL SUPERIOR COMPLETO EDITAL Nº 02/2011

PROCESSO SELETIVO DE PROVAS E TÍTULOS PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM EMPREGOS DE NÍVEL SUPERIOR COMPLETO EDITAL Nº 02/2011 PROCESSO SELETIVO DE PROVAS E TÍTULOS PARA PROVIMENTO DE VAGAS EM EMPREGOS DE NÍVEL SUPERIOR COMPLETO EDITAL Nº 02/2011 A Fundação de Educação Tecnológica e Cultural da Paraíba FUNETEC/PB, pessoa jurídica

Leia mais

Instituto Suel Abujamra

Instituto Suel Abujamra Instituto Suel Abujamra Seleção de Candidatos para 1º ano de Residência Médica em Oftalmologia - 2015 Edital de Abertura de Inscrições O Instituto Suel Abujamra torna público a realização do processo seletivo

Leia mais

Edital Nº 003/ 2015 I - DO PROCESSO SELETIVO E DO CURSO

Edital Nº 003/ 2015 I - DO PROCESSO SELETIVO E DO CURSO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE ESCOLA DE ENFERMAGEM DE NATAL DA UFRN PROCESSO SELETIVO PARA O CURSO TÉCNICO EM PRÁTICAS INTEGRATIVAS E COMPLEMENTARES EM SAÚDE Edital Nº 003/ 2015 A Escola

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE GRAMADO Estado do Rio Grande do Sul

PREFEITURA MUNICIPAL DE GRAMADO Estado do Rio Grande do Sul PREFEITURA MUNICIPAL DE GRAMADO Estado do Rio Grande do Sul EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO Nº 01/2016 V3 PREFEITURA MUNICIPAL DE GRAMADO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL CONCURSO PÚBLICO N 01/2016 EDITAL N 01/2016

Leia mais

EDITAL Nº. 76/2013 PROCESSO SELETIVO 2014/1

EDITAL Nº. 76/2013 PROCESSO SELETIVO 2014/1 EDITAL Nº. 76/2013 PROCESSO SELETIVO 2014/1 O Diretor Superintendente da Faculdade Autônoma de Direito FADISP, no uso de suas atribuições regimentais e em acordo com a Lei nº. 9394/1996 das Diretrizes

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA DOS ESTADOS DE RONDÔNIA E ACRE -CRF-RO/AC

CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA DOS ESTADOS DE RONDÔNIA E ACRE -CRF-RO/AC Edital nº02/2008 DO PROCESSO SELETIVO 02/2008 CRF/RO-AC DE 07 DE NOVEMBRO DE 2008 ABERTURA. A Presidente do Conselho Regional de Farmácia dos Estados de Rondônia e Acre, no uso de suas atribuições legais,

Leia mais

Edital de Processo Seletivo Simplificado nº. 002/2013

Edital de Processo Seletivo Simplificado nº. 002/2013 1 ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL Edital de Processo Seletivo Simplificado nº. 002/2013 José Carlos A. Amaral, Prefeito de Três Passos em exercício, no uso de suas atribuições legais, torna público a abertura

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO - UFMT CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE RONDONÓPOLIS - CUR INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS - ICEN

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO - UFMT CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE RONDONÓPOLIS - CUR INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS - ICEN UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO - UFMT CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE RONDONÓPOLIS - CUR INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS - ICEN EDITAL DE SELEÇÃO 2016 PROGRAMA DE RESIDÊNCIA MULTIPROFISSIONAL EM SAÚDE

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE PAROBÉ Estado do Rio Grande do Sul

CÂMARA MUNICIPAL DE PAROBÉ Estado do Rio Grande do Sul CÂMARA MUNICIPAL DE PAROBÉ Estado do Rio Grande do Sul EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO Nº 01/2015 V3 CÂMARA MUNICIPAL DE PAROBÉ ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL CONCURSO PÚBLICO 01/2015 EDITAL Nº 01/2015 Moacir

Leia mais

Edital nº 13/2014 PROPP-UEMS de 30 de abril de 2014.

Edital nº 13/2014 PROPP-UEMS de 30 de abril de 2014. Edital nº 13/2014 PROPP-UEMS de 30 de abril de 2014. ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA O PROCESSO SELETIVO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM DESENVOLVIMENTO REGIONAL E DE SISTEMAS PRODUTIVOS DA UEMS

Leia mais

EDITAL Nº 07/2013 - VESTIBULAR AGENDADO DE INVERNO 2013/02

EDITAL Nº 07/2013 - VESTIBULAR AGENDADO DE INVERNO 2013/02 FACULDADE SANT ANA INSTITUTO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO SANT ANA. EDITAL Nº 07/2013 - VESTIBULAR AGENDADO DE INVERNO 2013/02 Estabelece normas para Vestibular Agendado 2013/2 da INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNISEB

CENTRO UNIVERSITÁRIO UNISEB CENTRO UNIVERSITÁRIO UNISEB Dispõe sobre as normas referentes ao Processo Seletivo 2015, para o preenchimento de vagas para os cursos de graduação, na modalidade de Ensino Educação a Distância, do CENTRO

Leia mais

EDITAL FMJ- 032/2011, de 21/6/2011 ABERTURA DE INSCRIÇÕES AO CONCURSO VESTIBULAR DE 2012 MEDICINA

EDITAL FMJ- 032/2011, de 21/6/2011 ABERTURA DE INSCRIÇÕES AO CONCURSO VESTIBULAR DE 2012 MEDICINA EDITAL FMJ- 032/2011, de 21/6/2011 ABERTURA DE INSCRIÇÕES AO CONCURSO VESTIBULAR DE 2012 MEDICINA O Prof. Dr. ITIBAGI ROCHA MACHADO, Diretor da Faculdade de Medicina de Jundiaí, autarquia municipal de

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DA AUTARQUIA EDUCACIONAL DA MATA SUL AEMASUL - 01/2015

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DA AUTARQUIA EDUCACIONAL DA MATA SUL AEMASUL - 01/2015 EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DA AUTARQUIA EDUCACIONAL DA MATA SUL AEMASUL - 01/2015 O Presidente da Autarquia Educacional da Mata Sul AEMASUL, no uso da competência que lhe foi delegada pela

Leia mais

EDITAL Nº. 71/2013 PROCESSO SELETIVO 2014/1

EDITAL Nº. 71/2013 PROCESSO SELETIVO 2014/1 EDITAL Nº. 71/2013 PROCESSO SELETIVO 2014/1 O Diretor Superintendente das Faculdades Alves Faria ALFA, no uso de suas atribuições regimentais e em acordo com a Lei nº. 9394/1996 das Diretrizes e Bases

Leia mais

REGULAMENTO DE CONCURSOS PÚBLICOS CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

REGULAMENTO DE CONCURSOS PÚBLICOS CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES REGULAMENTO DE CONCURSOS PÚBLICOS CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Art. 1º - Os concursos para seleção de candidatos aos cargos públicos dos órgãos de administração direta e indireta, da Prefeitura

Leia mais

CURSINHO METAMORFOSE PROCESSO SELETIVO 2013

CURSINHO METAMORFOSE PROCESSO SELETIVO 2013 CURSINHO METAMORFOSE PROCESSO SELETIVO 2013 Edital de Abertura de Inscrições A coordenação discente do projeto Cursinho Metamorfose divulga o Edital de Abertura de Inscrições referente ao Processo Seletivo

Leia mais

Os candidatos deverão apresentar a documentação acondicionada em pasta com dois furos seguindo a ordem citada abaixo:

Os candidatos deverão apresentar a documentação acondicionada em pasta com dois furos seguindo a ordem citada abaixo: UNESP CÂMPUS DE BOTUCATU FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA E ZOOTECNIA EDITAL 23/2015-DDTA A Diretoria da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia UNESP Câmpus de Botucatu, torna público que estarão

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FLORES DA CUNHA Estado do Rio Grande do Sul

PREFEITURA MUNICIPAL DE FLORES DA CUNHA Estado do Rio Grande do Sul PREFEITURA MUNICIPAL DE FLORES DA CUNHA Estado do Rio Grande do Sul EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO Nº 01/2014 V7 PREFEITURA MUNICIPAL DE FLORES DA CUNHA ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL CONCURSO PÚBLICO N 01/2014

Leia mais

Nº de Vagas Oferecidas. Otorrinolaringologia 1 3 Médico com diploma devidamente reconhecido

Nº de Vagas Oferecidas. Otorrinolaringologia 1 3 Médico com diploma devidamente reconhecido 1 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO DE INGRESSO PARA CURSO DA PÓS GRADUAÇÃO ESPECIALIZAÇÃO MÉDICA EM OTORRINOLARINGOLOGIA DA UNIVERSIDADE DE SANTO AMARO PARA O ANO LETIVO DE 2013. A Magnífica Reitora da Universidade

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO Vagas para ingresso nos Cursos Superiores Tecnológicos Primeiro Semestre de 2010

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO Vagas para ingresso nos Cursos Superiores Tecnológicos Primeiro Semestre de 2010 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO Vagas para ingresso nos Cursos Superiores Tecnológicos Primeiro Semestre de 2010 O Diretor-Geral da Faculdade de Tecnologia Termomecanica, no uso de suas atribuições legais

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE COMISSÃO PERMANENTE DO VESTIBULAR

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE COMISSÃO PERMANENTE DO VESTIBULAR MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE COMISSÃO PERMANENTE DO VESTIBULAR A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), por meio da Comissão Permanente do Vestibular

Leia mais

1 PRÉ-REQUISITOS São pré-requisitos para a inscrição no processo seletivo do qual se refere esse Edital, regulamentado por meio deste instrumento:

1 PRÉ-REQUISITOS São pré-requisitos para a inscrição no processo seletivo do qual se refere esse Edital, regulamentado por meio deste instrumento: EDITAL DO 3 PROCESSO SELETIVO 2015 PARA TRANSFERÊNCIA DE CURSO DA ÁREA DA SAÚDE E CIÊNCIAS BIOLÓGICAS NO CURSO DE MEDICINA DA FACULDADE SÃO LUCAS 1 SEMESTRE 2015 - EDITAL n o 3/2015 DATA: PROCESSO SELETIVO

Leia mais

FACULDADE METROPOLITANA SÃO CARLOS EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2º SEMESTRE DE 2015

FACULDADE METROPOLITANA SÃO CARLOS EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2º SEMESTRE DE 2015 FACULDADE METROPOLITANA SÃO CARLOS EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2º SEMESTRE DE 2015 O Diretor da Faculdade Metropolitana São Carlos, credenciada pela Portaria Ministerial 062 de 22/01/2010, publicada em

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO RESIDÊNCIA MÉDICA COMPLEXO HOSPITALAR OURO VERDE

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO RESIDÊNCIA MÉDICA COMPLEXO HOSPITALAR OURO VERDE O Complexo Hospitalar Ouro Verde - CHOV torna público que realizará processo seletivo para preenchimento de vagas de médicos residentes de 1º ano (R-1), de seu programa de residência em MEDICINA DE FAMÍLIA

Leia mais

Edital - Processo Seletivo 2015 Verão FACULDADE DE ENGENHARIA E INOVAÇÃO TÉCNICO PROFISSIONAL EDITAL Nº 007 DE 10 DE SETEMBRO DE 2014

Edital - Processo Seletivo 2015 Verão FACULDADE DE ENGENHARIA E INOVAÇÃO TÉCNICO PROFISSIONAL EDITAL Nº 007 DE 10 DE SETEMBRO DE 2014 EDITAL PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR VERÃO 2015 1 Edital - Processo Seletivo 2015 Verão FACULDADE DE ENGENHARIA E INOVAÇÃO TÉCNICO PROFISSIONAL EDITAL Nº 007 DE 10 DE SETEMBRO DE 2014 PROCESSO SELETIVO/VESTIBULAR

Leia mais

Governo do Estado do Rio Grande do Norte Secretaria de Estado da Saúde Pública Gabinete do Secretário

Governo do Estado do Rio Grande do Norte Secretaria de Estado da Saúde Pública Gabinete do Secretário Governo do Estado do Rio Grande do Norte Secretaria de Estado da Saúde Pública Gabinete do Secretário RESIDÊNCIA MÉDICA/2014 EDITAL Nº. 04 CRH/SESAP Republicação considerando a aprovação pela Comissão

Leia mais

Especialidade Nº de vagas Pré-requisito Duração do Estágio. * Programa de estágio reconhecido pela AMIB Associação de Medicina Intensiva Brasileira.

Especialidade Nº de vagas Pré-requisito Duração do Estágio. * Programa de estágio reconhecido pela AMIB Associação de Medicina Intensiva Brasileira. A Divisão de Ensino do Hospital Ana Costa S. A. realizará Processo Público de Seleção de candidatos para Estágio Médico, para o ano de 2013, nas seguintes áreas: Especialidade Nº de vagas Pré-requisito

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015 2º SEMESTRE

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015 2º SEMESTRE EDITAL DO PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015 2º SEMESTRE A Faculdade de Teologia e Ciências - FATEC torna público o Edital do Processo Seletivo Vestibular 2015 2º Semestre. I - DA DENOMINAÇÃO E RESPECTIVAS

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DA ESCOLA SUPERIOR DA AMAZÔNIA 2016/1 Edição de Natal. VESTIBULAR TRADICIONAL 2016/1 Edição de Natal EDITAL Nº 029/2015

PROCESSO SELETIVO DA ESCOLA SUPERIOR DA AMAZÔNIA 2016/1 Edição de Natal. VESTIBULAR TRADICIONAL 2016/1 Edição de Natal EDITAL Nº 029/2015 PROCESSO SELETIVO DA ESCOLA SUPERIOR DA AMAZÔNIA 2016/1 Edição de Natal VESTIBULAR TRADICIONAL 2016/1 Edição de Natal EDITAL Nº 029/2015 O Diretor Geral da ESCOLA SUPERIOR DA AMAZÔNIA, credenciada pela

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE GRAMADO Estado do Rio Grande do Sul

PREFEITURA MUNICIPAL DE GRAMADO Estado do Rio Grande do Sul PREFEITURA MUNICIPAL DE GRAMADO Estado do Rio Grande do Sul EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO Nº 01/2015 V7 PREFEITURA MUNICIPAL DE GRAMADO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL CONCURSO PÚBLICO N 01/2015 EDITAL N 01/2015

Leia mais

PROCESSO SELETIVO N 001/2014 CONTRATAÇÃO DE JOVENS APRENDIZES

PROCESSO SELETIVO N 001/2014 CONTRATAÇÃO DE JOVENS APRENDIZES PROCESSO SELETIVO N 001/2014 CONTRATAÇÃO DE JOVENS APRENDIZES O Diretor Presidente da COMPANHIA DE DESENVOLVIMENTO DE PASSO FUNDO CODEPAS, no uso de suas atribuições legais, e conforme determina o art.

Leia mais

FACULDADE DE FILOSOFIA, CIÊNCIAS E LETRAS SANTA MARCELINA M U R I A É MG EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA O ANO LETIVO DE 2016

FACULDADE DE FILOSOFIA, CIÊNCIAS E LETRAS SANTA MARCELINA M U R I A É MG EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA O ANO LETIVO DE 2016 FACULDADE DE FILOSOFIA, CIÊNCIAS E LETRAS SANTA MARCELINA M U R I A É MG EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA O ANO LETIVO DE 2016 A Diretora da FACULDADE DE FILOSOFIA CIÊNCIAS E LETRAS SANTA MARCELINA - FASM,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE IMBITUBA SC CONCURSO PÚBLICO EDITAL PMI/CERSP/CP N o 01/2014

PREFEITURA MUNICIPAL DE IMBITUBA SC CONCURSO PÚBLICO EDITAL PMI/CERSP/CP N o 01/2014 PREFEITURA MUNICIPAL DE IMBITUBA SC CONCURSO PÚBLICO EDITAL PMI/CERSP/CP N o 01/2014 Por ordem do Prefeito Municipal de Imbituba, a Comissão Especial de Recrutamento e Seleção de Pessoal - CERSP da Prefeitura

Leia mais

Estado de Goiás Secretaria de Ciência e Tecnologia Superintendência de Educação Superior e Profissional. Edital nº 001 /2009

Estado de Goiás Secretaria de Ciência e Tecnologia Superintendência de Educação Superior e Profissional. Edital nº 001 /2009 Estado de Goiás Secretaria de Ciência e Tecnologia Superintendência de Educação Superior e Profissional Edital nº 001 /2009 Processo Seletivo para Ingresso nos Cursos Técnico de Nível Médio em Agronegócios

Leia mais

1.4. Cada candidato poderá concorrer a apenas uma das vagas ofertadas neste Edital e deverá usar o próprio CPF para inscrição.

1.4. Cada candidato poderá concorrer a apenas uma das vagas ofertadas neste Edital e deverá usar o próprio CPF para inscrição. UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ COORDENADORIA DE CONCURSOS CCV Edital Nº 03/2014/CCV Regulamenta o Teste de Nível das Casas de Cultura Estrangeira, para o período 2014.2. A Presidente da Coordenadoria de

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS DA CÂMARA MUNICIPAL DE CAXIAS DO SUL EDITAL N 01/2010

CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS DA CÂMARA MUNICIPAL DE CAXIAS DO SUL EDITAL N 01/2010 CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE CARGOS DA CÂMARA MUNICIPAL DE CAXIAS DO SUL EDITAL N 01/2010 A Câmara Municipal de Caxias do Sul, no exercício de suas atribuições, faz saber, por este Edital, que realizará

Leia mais

Art. 6º Não serão aceitas inscrições por e-mail, via postal, telefone, FAX ou por qualquer outro meio não especificado neste Edital.

Art. 6º Não serão aceitas inscrições por e-mail, via postal, telefone, FAX ou por qualquer outro meio não especificado neste Edital. FUNDAÇÃO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO DE BARUERI Edital Nº 01/ 2015 Processo Seletivo 2016 Ingressantes para o Curso Superior de Redes de Computadores. A Superintendência da FUNDAÇÃO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO DE

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL SECRETARIA DA FAZENDA EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO Nº 01/2013

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL SECRETARIA DA FAZENDA EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO Nº 01/2013 ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL SECRETARIA DA FAZENDA EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO Nº 01/2013 O SECRETÁRIO DE ESTADO DA FAZENDA, através da Comissão de Ingresso, designada pela Portaria nº 69/2013, publicada

Leia mais

EDITAL DO 2 PROCESSO SELETIVO 2015 PARA PREENCHIMENTO DE VAGAS NO CURSO DE MEDICINA DA FACULDADE SÃO LUCAS FSL. 1 SEMESTRE 2015 - EDITAL n o 2/2015

EDITAL DO 2 PROCESSO SELETIVO 2015 PARA PREENCHIMENTO DE VAGAS NO CURSO DE MEDICINA DA FACULDADE SÃO LUCAS FSL. 1 SEMESTRE 2015 - EDITAL n o 2/2015 EDITAL DO 2 PROCESSO SELETIVO 2015 PARA PREENCHIMENTO DE VAGAS NO CURSO DE MEDICINA DA FACULDADE SÃO LUCAS FSL 1 SEMESTRE 2015 - EDITAL n o 2/2015 PROCESSO SELETIVO 19/10/2014 A Faculdade São Lucas FSL

Leia mais

MUNICÍPIO DE CACHOEIRINHA Estado do Rio Grande do Sul

MUNICÍPIO DE CACHOEIRINHA Estado do Rio Grande do Sul MUNICÍPIO DE CACHOEIRINHA Estado do Rio Grande do Sul EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PÚBLICO Nº 01/2014 V5 MUNICÍPIO DE CACHOEIRINHA/RS ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PROCESSO SELETIVO PÚBLICO N 01/2014 EDITAL

Leia mais

HOSPITAL DA CRUZ VERMELHA BRASILEIRA FILIAL DO ESTADO DO PARANÁ COMISSÃO DE RESIDÊNCIA MÉDICA COREME EDITAL Nº. 02/2012

HOSPITAL DA CRUZ VERMELHA BRASILEIRA FILIAL DO ESTADO DO PARANÁ COMISSÃO DE RESIDÊNCIA MÉDICA COREME EDITAL Nº. 02/2012 HOSPITAL DA CRUZ VERMELHA BRASILEIRA FILIAL DO ESTADO DO PARANÁ COMISSÃO DE RESIDÊNCIA MÉDICA COREME EDITAL Nº. 02/2012 CONCURSO DE SELEÇÃO PARA RESIDÊNCIA MÉDICA 2012 A Comissão de Residência Médica do

Leia mais

Faculdades Unidas de Pesquisa, Ciências e Saúde CNPJ : 08.543.681/0001-46 www.faculdadefapec.com.br

Faculdades Unidas de Pesquisa, Ciências e Saúde CNPJ : 08.543.681/0001-46 www.faculdadefapec.com.br EDITAL 021/2015 DE 15 DE OUTUBRO DE 2015 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2016.1 A Faculdades Unidas de Pesquisa, Ciências e Saúde FAPEC torna público o Edital do Processo Seletivo Vestibular 2016.1, para

Leia mais

Estadual 2015. Edital de Convocação para o Exame de Qualificação do Vestibular

Estadual 2015. Edital de Convocação para o Exame de Qualificação do Vestibular Edital de Convocação para o Exame de Qualificação do Vestibular Estadual 2015 A Universidade do Estado do Rio de Janeiro torna público o presente Edital, com normas, rotinas e procedimentos relativos ao

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FOZ DO IGUAÇU Estado do Paraná EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO Nº 01/01/2016 V13

PREFEITURA MUNICIPAL DE FOZ DO IGUAÇU Estado do Paraná EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO Nº 01/01/2016 V13 PREFEITURA MUNICIPAL DE FOZ DO IGUAÇU Estado do Paraná EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO Nº 01/01/2016 V13 PREFEITURA MUNICIPAL DE FOZ DO IGUAÇU ESTADO DO PARANÁ CONCURSO PÚBLICO N 01/01/2016 EDITAL N 01/01/2016

Leia mais

EDITAL 10/2013 PROCESSO SELETIVO DE ABERTURA DE VAGAS

EDITAL 10/2013 PROCESSO SELETIVO DE ABERTURA DE VAGAS EDITAL 10/2013 PROCESSO SELETIVO DE ABERTURA DE VAGAS O (IFRS) -, em cumprimento às determinações da Lei nº 9.394/96 e legislação regulamentadora, comunica a abertura de Processo Seletivo 2013/2 aos Cursos

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE XANXERÊ SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE XANXERÊ SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE XANXERÊ SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO E FINANÇAS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE EDITAL N 001/2014 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DE EXCEPCIONAL INTERESSE

Leia mais

EDITAL PROCESSO SELETIVO CLASSIFICATÓRIO/2016 MEDICINA

EDITAL PROCESSO SELETIVO CLASSIFICATÓRIO/2016 MEDICINA EDITAL PROCESSO SELETIVO CLASSIFICATÓRIO/2016 MEDICINA De ordem do Magnífico Reitor do Centro Universitário Lusíada - UNILUS, Dr. Nelson Teixeira, torno público que as provas do Processo Seletivo Classificatório

Leia mais

Guia do Vestibular / Manual do Candidato Processo Seletivo- Agendado 2014.2 Provas/Matrícula

Guia do Vestibular / Manual do Candidato Processo Seletivo- Agendado 2014.2 Provas/Matrícula Guia do Vestibular / Manual do Candidato Processo Seletivo- Agendado 2014.2 Provas/Matrícula A Faculdade do Vale do Itapecuru FAI, localizada no Município de Caxias/MA, credenciada através da Portaria

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL - Prodin DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS - DRH EDITAL DRH Nº 45/2014

PRÓ-REITORIA DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL - Prodin DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS - DRH EDITAL DRH Nº 45/2014 - Prodin DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS - DRH EDITAL DRH Nº 45/2014 PROCESSO SELETIVO EXTERNO - Técnico I - Técnico Instrutor I - Técnico Tradutor e Interprete de Libras A PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA

Leia mais

FACULDADE DE ENGENHARIA DE SOROCABA FACENS EDITAL DO PROCESSO SELETIVO / 1º SEMESTRE DE 2016

FACULDADE DE ENGENHARIA DE SOROCABA FACENS EDITAL DO PROCESSO SELETIVO / 1º SEMESTRE DE 2016 1. DA ABERTURA FACULDADE DE ENGENHARIA DE SOROCABA FACENS EDITAL DO PROCESSO SELETIVO / 1º SEMESTRE DE 2016 O Diretor da Faculdade de Engenharia de Sorocaba FACENS, mantida pela Associação Cultural de

Leia mais

2. Dos Cursos da FASF, Códigos, Turnos, Duração, Vagas, Número de Alunos por Turma, Prazo de Integralização e Atos de Legalização

2. Dos Cursos da FASF, Códigos, Turnos, Duração, Vagas, Número de Alunos por Turma, Prazo de Integralização e Atos de Legalização EDITAL DO PROCESSO SELETIVO DE INGRESSO AOS CURSOS PRESENCIAIS DE GRADUAÇÃO DA FACULDADE DE FILOSOFIA, CIÊNCIAS E LETRAS DO ALTO SÃO FRANCISCO, TURMAS DE AGOSTO 2015. A Diretora da Faculdade de Filosofia,

Leia mais

CREA-PR Edital de Abertura 10/2013 Concurso Público 2013 EDITAL N.º 10/2013

CREA-PR Edital de Abertura 10/2013 Concurso Público 2013 EDITAL N.º 10/2013 EDITAL N.º 10/2013 O CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DO PARANÁ - CREA/PR, autarquia federal de fiscalização do exercício profissional da engenharia e agronomia, resolve divulgar a abertura

Leia mais

EDITAL 014/2014 DE 05 DE NOVEMBRO DE 2014 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015.1 - ENGENHARIA CIVIL E VAGAS REMANESCENTES

EDITAL 014/2014 DE 05 DE NOVEMBRO DE 2014 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015.1 - ENGENHARIA CIVIL E VAGAS REMANESCENTES EDITAL 014/2014 DE 05 DE NOVEMBRO DE 2014 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015.1 - ENGENHARIA CIVIL E VAGAS REMANESCENTES A Faculdade Maria Milza FAMAM torna público o Edital do Processo Seletivo Vestibular

Leia mais

Parágrafo único - Exige-se que os candidatos mencionados nos incisos I e II tenham sido aprovados em alguma disciplina na IES de origem.

Parágrafo único - Exige-se que os candidatos mencionados nos incisos I e II tenham sido aprovados em alguma disciplina na IES de origem. RESOLUÇÃO GR 44, de 7-8-2013 Dispõe sobre normas para o Processo Seletivo Aberto a Graduados ou Alunos Regularmente Matriculados em Instituições de Ensino Superior (Processo Seletivo para as Vagas Remanescentes

Leia mais

Parágrafo único - Exige-se que os candidatos mencionados nos incisos I e II tenham sido aprovados em alguma disciplina na IES de origem.

Parágrafo único - Exige-se que os candidatos mencionados nos incisos I e II tenham sido aprovados em alguma disciplina na IES de origem. RESOLUÇÃO GR 27/2014 Dispõe sobre normas para o Processo Seletivo Aberto a Graduados ou Alunos Regularmente Matriculados em Instituições de Ensino Superior (Processo Seletivo para as Vagas Remanescentes

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVA BASSANO Estado do Rio Grande do Sul

PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVA BASSANO Estado do Rio Grande do Sul PREFEITURA MUNICIPAL DE NOVA BASSANO Estado do Rio Grande do Sul EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO Nº 01/2015 V6 PREFEITURAMUNICIPAL DE NOVA BASSANO/RS ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL CONCURSO PÚBLICO N 01/2015 Darcilo

Leia mais

Cardiologia 02 (duas) 02 anos Clínica Médica. Nefrologia 01 (uma) 02 anos Clínica Médica

Cardiologia 02 (duas) 02 anos Clínica Médica. Nefrologia 01 (uma) 02 anos Clínica Médica EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES PROCESSO SELETIVO PÚBLICO DA ASSOCIAÇÃO HOSPITALAR MOINHOS DE VENTO PARA RESIDÊNCIA MÉDICA 2015 EM CARDIOLOGIA E NEFROLOGIA A Comissão de Residência Médica (COREME) da

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO DE CANDIDATOS PARA RESIDÊNCIA MÉDICA Nº 053/2015 HUSFP/UCPEL

EDITAL DE SELEÇÃO DE CANDIDATOS PARA RESIDÊNCIA MÉDICA Nº 053/2015 HUSFP/UCPEL UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PELOTAS PRÓ-REITORIA ACADÊMICA COORDENAÇÃO DE EDUCAÇÃO CONTINUADA HOSPITAL UNIVERSITÁRIO SÃO FRANCISCO DE PAULA CENTRO DE CIÊNCIAS DA VIDA E DA SAÚDE RESIDÊNCIA MÉDICA EDITAL DE

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SAPUCAIA DO SUL SECRETARIA DA EDUCAÇÃO. Estado do Rio Grande do Sul

PREFEITURA MUNICIPAL DE SAPUCAIA DO SUL SECRETARIA DA EDUCAÇÃO. Estado do Rio Grande do Sul PREFEITURA MUNICIPAL DE SAPUCAIA DO SUL SECRETARIA DA EDUCAÇÃO Estado do Rio Grande do Sul EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO Nº 02/2016 V6 PREFEITURA MUNICIPAL DE SAPUCAIA DO SUL/RS SECRETARIA DA EDUCAÇÃO CONCURSO

Leia mais

EDITAL Nº 01/2016. a) INFORMAÇÕES REFERENTES AOS CURSOS: Número máximo de alunos por turma. Total de Vagas. Tempo de Duração do Curso

EDITAL Nº 01/2016. a) INFORMAÇÕES REFERENTES AOS CURSOS: Número máximo de alunos por turma. Total de Vagas. Tempo de Duração do Curso De acordo com a Lei nº 9.394 20/12/96 e o nto Geral, a Reitora da Universida Salvador - UNIFACS, no uso suas atribuições, torna pública a abertura das inscrições do Processo Seletivo UNIFACS 2016.1, para

Leia mais

FABEL- FACULDADE DE BELÉM EDITAL DO PROCESSO SELETIVO COMPLEMENTAR 2010.1

FABEL- FACULDADE DE BELÉM EDITAL DO PROCESSO SELETIVO COMPLEMENTAR 2010.1 FABEL- FACULDADE DE BELÉM EDITAL DO PROCESSO SELETIVO COMPLEMENTAR 2010.1 O Diretor da FABEL FACULDADE DE BELÉM, Instituição autorizada a funcionar pela Portaria Ministerial nº. 675 de 17 de março de 2004,

Leia mais

3. As inscrições ficarão abertas no período de 11/11/2013 a 20/01/2014, às16 horas, exclusivamente no site do IBCC: www.ibcc.org.br.

3. As inscrições ficarão abertas no período de 11/11/2013 a 20/01/2014, às16 horas, exclusivamente no site do IBCC: www.ibcc.org.br. São Paulo, 01 de novembro de 2013. Instituto Brasileiro de Controle do Câncer - IBCC Edital Imagem 2013 O Centro de Estudos Prof. Dr. Sampaio Góes Junior do Instituto Brasileiro de Controle do Câncer torna

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO FACULDADE DE MEDICINA COMISSÃO DE RESIDÊNCIA MÉDICA COREME EDITAL Nº 01/2016

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO FACULDADE DE MEDICINA COMISSÃO DE RESIDÊNCIA MÉDICA COREME EDITAL Nº 01/2016 UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO FACULDADE DE MEDICINA COMISSÃO DE RESIDÊNCIA MÉDICA COREME EDITAL Nº 01/2016 EDITAL DE SELEÇÃO DE CANDIDATOS PARA RESIDÊNCIA MÉDICA

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE IMBITUBA SC CONCURSO PÚBLICO EDITAL PMI/CERSP/CP N o 01/2015

PREFEITURA MUNICIPAL DE IMBITUBA SC CONCURSO PÚBLICO EDITAL PMI/CERSP/CP N o 01/2015 PREFEITURA MUNICIPAL DE IMBITUBA SC CONCURSO PÚBLICO EDITAL PMI/CERSP/CP N o 01/2015 Por ordem do Prefeito Municipal de Imbituba, a Comissão Especial de Recrutamento e Seleção de Pessoal - CERSP da Prefeitura

Leia mais

Investindo em conhecimento e valorizando a pessoa humana EDITAL DE ABERTURA

Investindo em conhecimento e valorizando a pessoa humana EDITAL DE ABERTURA DE ABERTURA A Faculdade, credenciada pelo Decreto Federal de 25 de julho de 1995 publicado no Diário Oficial de 26 de julho de 1995, nos termos da Lei nº 9.394/96 (LDB), por meio de sua Comissão do Processo

Leia mais

EDITAL Nº 04/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2014/2

EDITAL Nº 04/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2014/2 EDITAL Nº 04/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2014/2 A Comissão Coordenadora do Processo Seletivo das Faculdades Integradas de Vitória FDV, para conhecimento de todos os interessados, torna público

Leia mais

MUNICÍPIO DE TRÊS PASSOS PODER EXECUTIVO

MUNICÍPIO DE TRÊS PASSOS PODER EXECUTIVO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 029/2015 José Carlos Anziliero Amaral, Prefeito Municipal de Três Passos, Estado do Rio Grande do Sul, no uso de suas atribuições legais, torna público a abertura

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE ESTAGIÁRIOS EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES Nº 001/2015

PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE ESTAGIÁRIOS EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES Nº 001/2015 PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE ESTAGIÁRIOS EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES Nº 001/2015 A Comissão Organizadora do Processo Seletivo, designada através da Portaria nº 096/2015, no uso de suas atribuições

Leia mais

FACULDADE ARI DE SÁ EDITAL Nº 2, DE 6 DE NOVEMBRO DE 2015, PROCESSO SELETIVO 2016.1

FACULDADE ARI DE SÁ EDITAL Nº 2, DE 6 DE NOVEMBRO DE 2015, PROCESSO SELETIVO 2016.1 FACULDADE ARI DE SÁ EDITAL Nº 2, DE 6 DE NOVEMBRO DE 2015, PROCESSO SELETIVO 2016.1 Em conformidade com as Portarias do MEC nº 1.120 de 16/07/1999 e nº 391 de 07/02/2002 e da Portaria nº 1449 de 23/12/1999

Leia mais

1 PROGRAMAS. Programa Residência Médica Vagas Duração Pré-requisitos. Clínica Médica 03 (três) 02 anos

1 PROGRAMAS. Programa Residência Médica Vagas Duração Pré-requisitos. Clínica Médica 03 (três) 02 anos EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES PROCESSO SELETIVO PÚBLICO DA ASSOCIAÇÃO HOSPITALAR MOINHOS DE VENTO PARA RESIDÊNCIA MÉDICA 2016 EM CLÍNICA MÉDICA, NEUROLOGIA, PEDIATRIA E RADIOLOGIA E DIAGNÓSTICO POR

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE QUELUZ

PREFEITURA MUNICIPAL DE QUELUZ PREFEITURA MUNICIPAL DE QUELUZ Ladeira Laurindo José da Silva, 40 Queluz/SP CEP: 12.800-000 Tel.: (12) 3147.1405 / 3147.1396 Processo Seletivo Simplificado Edital nº 02/2013 Processo seletivo para preenchimento,

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB EDITAL Nº 098/2012-UAB-UEM

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB EDITAL Nº 098/2012-UAB-UEM EDITAL Nº 098/2012-UAB-UEM A Coordenadora da UAB da Universidade Estadual de Maringá, no uso das atribuições, TORNA PÚBLICO: A abertura de inscrições do processo seletivo para contratação de TUTOR (PRESENCIAL)

Leia mais

EDITAL 010/2014 DE 25 DE AGOSTO DE 2014 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015.1 I DA DENOMINAÇÃO E RESPECTIVAS HABILITAÇÕES

EDITAL 010/2014 DE 25 DE AGOSTO DE 2014 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015.1 I DA DENOMINAÇÃO E RESPECTIVAS HABILITAÇÕES EDITAL 010/2014 DE 25 DE AGOSTO DE 2014 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015.1 A Faculdade Maria Milza FAMAM torna público o Edital do Processo Seletivo Vestibular 2015.1, para os cursos de Bacharelado em

Leia mais

EDITAL DO VESTIBULAR ESPECIAL EAD/UAB - UNIFEI 2009

EDITAL DO VESTIBULAR ESPECIAL EAD/UAB - UNIFEI 2009 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE ITAJUBÁ EDITAL DO VESTIBULAR ESPECIAL EAD/UAB - UNIFEI 2009 Aprovado pela Câmara de Graduação em 19/09/2008 18ª Reunião Extraordinária O Pró-Reitor de Graduação

Leia mais

VESTIBULAR CEFET-SC 2008/2. EXAME DE CLASSIFICAÇÃO e. Educação Profissional e Tecnológica, Pública e Gratuita! EDITAL Nº 05/COING/2008

VESTIBULAR CEFET-SC 2008/2. EXAME DE CLASSIFICAÇÃO e. Educação Profissional e Tecnológica, Pública e Gratuita! EDITAL Nº 05/COING/2008 EXAME DE CLASSIFICAÇÃO e VESTIBULAR CEFET-SC 2008/2 Educação Profissional e Tecnológica, Pública e Gratuita! EDITAL Nº 05/COING/2008 EXAME DE CLASSIFICAÇÃO 2008/2 ENSINO MÉDIO E TÉCNICO INTEGRADO AO ENSINO

Leia mais

EDITAL Nº 35/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2015

EDITAL Nº 35/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2015 EDITAL Nº 35/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2015 A Comissão Coordenadora do Processo Seletivo das Faculdades Integradas de Vitória FDV, para conhecimento de todos os interessados, torna público

Leia mais

Vale ressaltar ainda que os cursos do PEP são gratuitos, o que facilita e amplia o acesso dos candidatos selecionados.

Vale ressaltar ainda que os cursos do PEP são gratuitos, o que facilita e amplia o acesso dos candidatos selecionados. APRESENTAÇÃO O Programa de Educação Profissional de Minas Gerais (PEP) é a ousada resposta do Governo Mineiro ao desafio de atender à crescente demanda dos nossos jovens por mais e melhores oportunidades

Leia mais

ESTADO DE RONDÔNIA PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO MIGUEL DO GUAPORÉ

ESTADO DE RONDÔNIA PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO MIGUEL DO GUAPORÉ ESTADO DE RONDÔNIA PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO MIGUEL DO GUAPORÉ ASSESSOR JURIDICO EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO N. 001/2013 A PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO MIGUEL DO GUAPORÉ, ESTADO DO RONDÔNIA,

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 2016. Programa de Treinamento Médico em Oftalmologia - DayHORC

PROCESSO SELETIVO 2016. Programa de Treinamento Médico em Oftalmologia - DayHORC PROCESSO SELETIVO 2016 Programa de Treinamento Médico em Oftalmologia - DayHORC O DayHORC, através de sua Comissão do Programa de Treinamento Médico em Oftalmologia (CPTMO/DayHORC), no uso de suas atribuições,

Leia mais

FACULDADE METODISTA DE SANTA MARIA FAMES EDITAL PROCESSO SELETIVO 2015/1

FACULDADE METODISTA DE SANTA MARIA FAMES EDITAL PROCESSO SELETIVO 2015/1 FACULDADE METODISTA DE SANTA MARIA FAMES EDITAL PROCESSO SELETIVO 2015/1 A Direção da Faculdade Metodista de Santa Maria (FAMES), torna públicas as normas a seguir, que regem o Processo Seletivo - Vestibular

Leia mais

TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO SECRETARIA EDITAL Nº 5, DE 29 DE AGOSTO DE 2012 CONVOCAÇÃO PARA AS PROVAS

TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO SECRETARIA EDITAL Nº 5, DE 29 DE AGOSTO DE 2012 CONVOCAÇÃO PARA AS PROVAS TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO SECRETARIA EDITAL Nº 5, DE 29 DE AGOSTO DE 2012 CONVOCAÇÃO PARA AS PROVAS O PRESIDENTE DO TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO convoca os candidatos inscritos no Concurso Público

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE VIAMÃO Estado do Rio Grande do Sul

PREFEITURA MUNICIPAL DE VIAMÃO Estado do Rio Grande do Sul PREFEITURA MUNICIPAL DE VIAMÃO Estado do Rio Grande do Sul EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO Nº 01/2016 V5 PREFEITURA MUNICIPAL DE VIAMÃO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL CONCURSO PÚBLICO N 01/2016 EDITAL N 01/2016

Leia mais

Faculdade Politécnica de Uberlândia EDITAL DO PROCESSO SELETIVO/VESTIBULAR PARA O 2º SEMESTRE DE 2011

Faculdade Politécnica de Uberlândia EDITAL DO PROCESSO SELETIVO/VESTIBULAR PARA O 2º SEMESTRE DE 2011 Faculdade Politécnica de Uberlândia EDITAL DO PROCESSO SELETIVO/VESTIBULAR PARA O 2º SEMESTRE DE 2011 O Diretor Acadêmico da Faculdade Politécnica de Uberlândia, no uso de suas atribuições Regimentais

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL - PRODIN DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS - DRH

PRÓ-REITORIA DE DESENVOLVIMENTO INSTITUCIONAL - PRODIN DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS - DRH - PRODIN DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS - DRH PROCESSO SELETIVO EXTERNO PARA AUXILIAR I / AUXILIAR DE TRANSPORTE I/ MOTOBOY EDITAL DRH Nº 23/2014 A PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS divulga e estabelece

Leia mais

CONSELHO MUNICIPAL DE DEFESA DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE COMISSÃO ESPECIAL ELEITORAL/2015 SÃO LEOPOLDO/RS

CONSELHO MUNICIPAL DE DEFESA DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE COMISSÃO ESPECIAL ELEITORAL/2015 SÃO LEOPOLDO/RS PROCESSO DE ELEIÇÃO DOS CONSELHEIROS TUTELARES EDITAL Nº 05/2015 A Comissão Especial Eleitoral, no uso de suas atribuições que lhe confere a Lei Municipal n 8.258 de 26 de março de 2015, TORNA PÚBLICO

Leia mais