Bem-vindos à Volkswagen Autoeuropa Encontro com a Imprensa 20 de março de Volkswagen Autoeuropa

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Bem-vindos à Volkswagen Autoeuropa Encontro com a Imprensa 20 de março de 2013. Volkswagen Autoeuropa"

Transcrição

1 Bem-vindos à Encontro com a Imprensa 20 de março de 2013

2 Intervenção do eng.º António de Melo Pires Diretor-Geral

3 Agenda Resultados do Grupo Volkswagen Resultados da Recursos Humanos

4 A estratégia do Grupo Volkswagen para 2018 Grupo Volkswagen Visão: O construtor automóvel mais fascinante e bem sucedido do mundo Empregador de topo Nº 1 em satisfação do cliente Resultados antes de impostos > 8 % Vendas > 10 Milhões de veículos Com a nossa cultura de inovação, rigor e gestão responsável, em 2018, queremos ser os líderes económicos e ambientais da indústria automóvel. Prof. Dr. Martin Winterkorn Presidente do Conselho de Administração da Volkswagen AG 4

5 Industria automóvel mundial Ranking de vendas por marca milhões unidades variação vs % 2.9% 12.2% 0.9% 7.9% -0.5% 5.4% 23.3% -16.5% * Incl. Wuling (1.335 mil carros) ** Incl. MAN e Scania *** Incl. Lada (611 mil carros) Fonte: Status: 7.1% 5

6 Resultados Grupo Volkswagen Mercados Mundiais e Entregas a Clientes Janeiro a dezembro 2012 vs Mundo: Mercado Automóvel: 7,2% Grupo VW: 11,2% América do Norte Europa Ocidental Europa Central e de Leste Mercado automóvel Grupo VW Mercado automóvel Grupo VW Mercado automóvel Grupo VW 26,2% 12,4% 17,6% 5,9% -8,2% -3,4% América do Sul Resto do Mundo Ásia-Pacífico Mercado automóvel Grupo VW Mercado automóvel Grupo VW Mercado automóvel Grupo VW 23,2% 23,3% 13,3% 8,2% 4,6% 6,0% Fonte: Volkswagen AG 6

7 Resultados Grupo Volkswagen Entregas a Clientes por Mercado 1) Dados incl. Porsche (desde 08/12). Excl. Scania e MAN 7

8 Resultados Grupo Volkswagen Entregas a Clientes por Marca 1) Dados incl. Porsche (desde 08/12). Excl. Scania e MAN 8

9 Agenda Resultados do Grupo Volkswagen Resultados da Recursos Humanos

10 Produção 10

11 Evolução do volume de produção

12 Volume de vendas 2012 Milhões de euros ,4% vendas para exportação

13 Distribuição da produção por mercados (Janeiro dezembro 2012) Variação relativa a 2011 (%) (jan dez. 2011) -16,8 +53,7-32,1 +13,9-43,0-50,2-19,9-40,6 +19,5-25,1-24,1 15

14 Volume de aquisição nacional 58% 60% 62% Em 2012 o total de compras a fornecedores nacionais ascendeu a 839 milhões de euros 16

15 Atividade do Regional Office 2012 Fornecimento de peças à e Grupo Volkswagen Volume de negócio atribuído a fornecedores Portugueses: Número de fornecedores nacionais inscritos na base de dados do Grupo VW: 17

16 Pessoas 18

17 Evolução do n.º de colaboradores

18 Caracterização dos colaboradores Género 87% 13% ,8% ,2% 89,3% ,7% 90,6% 90,2% ,8% 9,4% 20

19 Caracterização dos colaboradores Média de Idades 28,3 36,6 37,3 38,3 38,4 38,5 39,

20 Índice de assiduidade em ,4 dias média de faltas por colaborador 98,7 98,6 98,5 98,3 98,9 98,6 1.º lugar no ranking de assiduidade das fábricas europeias do Grupo Volkswagen

21 Status de projetos estratégicos

22 A orientação estratégica da Novas oportunidades de negócio Unidades de negócio de nicho para fornecimento de serviços ao Grupo Volkswagen Estratégia de transportes Localização geográfica como vantagem competitiva Dinamização de projetos nas áreas do ambiente, cultura, desporto e solidariedade social Responsabilidade Desenvolvimento de competências, motivação dos colaboradores e saúde e bem-estar Gestão de Recursos Humanos Think Blue. Factory. 24

23 A orientação estratégica da Novas oportunidades de negócio Unidades de negócio de nicho para fornecimento de serviços ao Grupo Volkswagen Estratégia de transportes Localização geográfica como vantagem competitiva Dinamização de projetos nas áreas do ambiente, cultura, desporto e solidariedade social Responsabilidade Desenvolvimento de competências, motivação dos colaboradores e saúde e bem-estar Gestão de Recursos Humanos Think Blue. Factory. 25

24 Unidade de Negócio de Cunhos e Cortantes Produção de ferramentas para Grupo Volkswagen 16,4 milhões de euros volume vendas em 2012 aumento de 21% em relação a colaboradores aumento de +13% em relação a

25 Unidade de Negócios de Cunhos e Cortantes Com o objetivo de garantir o desenvolvimento da unidade de negócio, foram investidos em 2012 cerca de 4 milhões de euros em equipamento 2 novas prensas de testes Valor do investimento: 1,2 milhões de euros 1 máquina fresadora CNC 5 eixos de alta velocidade Valor do investimento: 2,9 milhões de euros 27

26 Unidade de Negócio de Prensas Produção de peças para Grupo Volkswagen de peças prensadas em 2012 aumento de 217% em relação a colaboradores aumento de +30% em relação a

27 A orientação estratégica da Novas oportunidades de negócio Unidades de negócio de nicho para fornecimento de serviços ao Grupo Volkswagen Estratégia de transportes Localização geográfica como vantagem competitiva Dinamização de projetos nas áreas do ambiente, cultura, desporto e solidariedade social Responsabilidade Desenvolvimento de competências, motivação dos colaboradores e saúde e bem-estar Gestão de Recursos Humanos Think Blue. Factory. 29

28 Estratégia de transportes (material de produção) Distribuição atual 97% 2,87% 0,13% Desafios nos transportes terrestres Euro-Vinheta Restrições Laborais Restrições infraestruturas Sustentabilidade Ambiental 30

29 Estratégia de transportes (material de produção) Projeto Ferroviário Fatos e Números Inbound: Outbound: caixas 287 caixas Total: 635 (equivalente a -635 camiões a circular) Fase teste 1 comboio teste Fase piloto 1 comboio semanal Série 2 comboios semanais Redução ton / 2012 emissão CO 2 31

30 Estratégia de transportes (material de produção) Projeto Ferroviário Próximos desenvolvimentos Rota do Norte Implementada Rota do Sul em desenvolvimento Inbound Volume das 3 fábricas da Península Ibérica Volume Catalunha Entregas diárias Outbound Volume dos fornecedores Portugueses Contentores reutilizáveis vazios Rota Norte Rota Sul Cross Dock 32

31 Estratégia de transportes (material de produção) Projeto Marítimo em Estudo Vantagens Criação de um Hub Logístico Intercontinental Hamburg Wolfsburg Dinamização da atividade portuária portuguesa Redução de tempo de trânsito Redução de custo Pamplona Martorell CN Sines PT ES 33

32 Estratégia de transportes (material de produção) Localização geográfica de Portugal - Vantagem competitiva América do Norte Europa Ásia Canal do Panamá África América do Sul Canal do Suez 34

33 A orientação estratégica da Novas oportunidades de negócio Unidades de negócio de nicho para fornecimento de serviços ao Grupo Volkswagen Estratégia de transportes Localização geográfica como vantagem competitiva Dinamização de projetos nas áreas do ambiente, cultura, desporto e solidariedade social Responsabilidade Desenvolvimento de competências, motivação dos colaboradores e saúde e bem-estar Gestão de Recursos Humanos Think Blue. Factory. 35

34 Desenvolvimento de competências Formação e Qualificação Centro de treino de produção horas de formação participantes Competências Avançadas de Liderança horas de formação 46 participantes Línguas (Alemão, Inglês e Português) horas de formação 190 participantes 36

35 Desenvolvimento de competências Formação e Qualificação 100 formandos Março 2013 Jun formandos Atribuição do certificado de Técnico de Produção Automóvel e equivalência ao 12º ano de escolaridade Maio 2014 Set

36 Desenvolvimento de competências Intercâmbio de colaboradores 70 expatriados EUA 3 especialistas México 5 managers Alemanha 7 managers 12 especialistas 30 operadores Russia 1 manager China 2 especialistas 2 operadores Argentina 3 especialistas Brasil 1 manager Malásia 1 manager 3 especialistas 38

37 Desenvolvimento de competências Programa de qualificação em fábricas da marca Volkswagen Conceito do programa: Integração de 200 colaboradores em fábricas da marca Volkswagen durante 1 ano Formação básica em língua alemã e reforço do Inglês Grupos de 25 colaboradores 39

38 Motivação Barómetro de opinião Teilnehmer Índice de participação Quote Zufriedenheit Índice satisfação Quote 92% 95% 96% 97% 74% 76% 67% 83%

39 Saúde e bem-estar Cuidados de Saúde Inauguração das novas instalações do departamento médico Volkswagen Check-up Ergonomia Aplicação de novos equipamentos de medição de força e vibração da atividade nas estações de trabalho bem como sistema de motion capturing Programa Bem-Estar 1.ª edição da corrida Volkswagen Abertura de ginásio na fábrica com parceiro externo 41

40 A orientação estratégica da Novas oportunidades de negócio Unidades de negócio de nicho para fornecimento de serviços ao Grupo Volkswagen Estratégia de Transportes Localização geográfica como vantagem competitiva Dinamização de projetos nas áreas do ambiente, cultura, desporto e solidariedade social Responsabilidade Desenvolvimento de competências, motivação dos colaboradores e saúde e bem-estar Gestão de Recursos Humanos Think Blue. Factory. 42

41 Responsabilidade Social Envolvimento com a comunidade local 23 novembro 2012 Herdade da Mourisca, Setúbal 43

42 Responsabilidade Social Envolvimento com a comunidade local Março 2012 Campanha de recolha de bens alimentares e vestuário 44

43 Responsabilidade Social Envolvimento com a comunidade local 31 agosto 2012 Jardim de infância A Cegonha, Poceirão Com a colaboração das seguintes empresas e seus colaboradores: Acciona, Atlas Copco de Portugal, Autovision, Carbonell Figueiras, Egeo, Leanwork, Schnellecke Logistics, Urvinapor, PJS, RARI, S.H. Alves e Transportes Luisa Todi 45

44 Responsabilidade Social Envolvimento com a comunidade local Setembro 2012 Publicação do primeiro relatório de sustentabilidade 46

45 A orientação estratégica da Novas oportunidades de negócio Unidades de negócio de nicho para fornecimento de serviços ao Grupo Volkswagen Estratégia de Transportes Localização geográfica como vantagem competitiva Dinamização de projetos nas áreas do ambiente, cultura, desporto e solidariedade social Responsabilidade Saúde e bem-estar, desenvolvimento de competências e motivação dos colaboradores Gestão de Recursos Humanos Think Blue. Factory. 47

46 2018 Programa de sustentabilidade ambiental Maior eficiência energética na produção Utilização eficiente dos recursos energéticos Redução de emissões Estratégia comum a todas as fábricas da marca Volkswagen Este é o programa Think Blue. Factory. 48

47 Indicadores ambientais Resultados de 2010 até 2012: -25% -22% -21% -6,5% -14% Energia Água Resíduos Emissões CO 2 Solventes 49

48 A orientação estratégica da Novas oportunidades de negócio Unidades de negócio de nicho para fornecimento de serviços ao Grupo Volkswagen Estratégia de Transportes Localização geográfica como vantagem competitiva Dinamização de projetos nas áreas do ambiente, cultura, desporto e solidariedade social Responsabilidade Saúde e bem-estar, desenvolvimento de competências e motivação dos colaboradores Gestão de Recursos Humanos Think Blue. Factory. 50

49 Inovação GTI (Gestão Total de Ideias) Melhoria contínua de processos identificando e eliminando desperdícios! : Ideias de melhoria: 141 Nº colaboradores envolvidos: 1090 Poupanças (milhões Euros): 2,95 Prémios pagos (milhões Euros): 0,156

50 Agenda Resultados do Grupo Volkswagen Resultados da Recursos Humanos

51 Organigrama António Pires Diretor executivo J.D. Hoffmann Diretor recursos humanos, finanças e TI M. Paske M. Pereira D. Kramer S. Augusto M. Förster Diretor produção Diretora eng. Industrial Diretor qualidade Diretora logística Diretor planeamento 54

52 Organigrama Steffen Schudt- Pialat Diretor finanças e TI António Pires Diretor executivo Xavier Ros Diretor recursos humanos M. Paske M. Pereira D. Kramer S. Augusto M. Förster Diretor produção Diretora eng. Industrial Diretor qualidade Diretora logística Diretor planeamento 55

53 Obrigado pela vossa atenção.

O caso Volkswagen Autoeuropa

O caso Volkswagen Autoeuropa Ciclo de Conferências Factores de competitividade na Economia Portuguesa: «Ferrovia, Logística e competitividade na Economia Portuguesa» O caso Sandra Augusto 15 de Maio de 2012 Agenda 1 Breve apresentação

Leia mais

A FERROVIA E A COMPETITIVIDADE DAS EMPRESAS

A FERROVIA E A COMPETITIVIDADE DAS EMPRESAS ADFERSIT 2011 A FERROVIA E A COMPETITIVIDADE DAS EMPRESAS Eng.º António de Melo Pires Diretor Geral da Volkswagen Autoeuropa 21 de junho de 2011 1 Agenda 1. O papel dos transportes na competitividade das

Leia mais

LOGÍSTICA EM PORTUGAL

LOGÍSTICA EM PORTUGAL LOGÍSTICA EM PORTUGAL 1 LOGÍSTICA EM PORTUGAL SUMÁRIO EXECUTIVO LOGÍSTICA EM PORTUGAL 2 LOGÍSTICA EM PORTUGAL INTRODUÇÃO CONTEXTO ATUAL 4 OBJETIVO 5 PRESSUPOSTOS ORIENTADORES 6 LOGÍSTICA EM PORTUGAL CONTEXTO

Leia mais

Transportar mais com menos

Transportar mais com menos Transportar mais com menos Transportar mais com menos Para a Bosch Termotecnologia, líder internacional no fabrico e exportação de sistemas de aquecimento e de água quente, a eficiência logística das cadeias

Leia mais

VI Jornadas técnicas de segurança no trabalho da AEVA

VI Jornadas técnicas de segurança no trabalho da AEVA VI Jornadas técnicas de segurança no trabalho da AEVA Agenda Volkswagen Autoeuropa em Portugal Produtos e produção Recursos Humanos Boas práticas preventivas 2/32 Volkswagen Autoeuropa em Portugal 3/32

Leia mais

FORUM PARA A COMPETITIVIDADE & CÂMARA DE COMÉRCIO E INDUSTRIA PORTUGUESA

FORUM PARA A COMPETITIVIDADE & CÂMARA DE COMÉRCIO E INDUSTRIA PORTUGUESA FORUM PARA A COMPETITIVIDADE & CÂMARA DE COMÉRCIO E INDUSTRIA PORTUGUESA Seminário Estratégias de Internacionalização da Economia Portuguesa - O que podemos esperar do Tratado Transatlântico (TTIP) A economia

Leia mais

Certificação NP EN ISO 50001:2012 Lisboa, 6 de novembro de 2014

Certificação NP EN ISO 50001:2012 Lisboa, 6 de novembro de 2014 Certificação NP EN ISO 50001:2012 APCER VISÃO Ser reconhecida como uma empresa de auditoria e certificação global. MISSÃO Auditar e certificar em todo o mundo, com competência e confiança, para benefício

Leia mais

Responsabilidade Social Empresarial

Responsabilidade Social Empresarial Responsabilidade Social Empresarial Agenda Quem Somos? O que produzimos Informações Úteis Ideias - chave sobre Responsabilidade Social Empresarial (RSE) Nosso Conceito de RSE, baseado na Missão e Valores

Leia mais

O papel de Portugal no mundo é mais importante do que imagina

O papel de Portugal no mundo é mais importante do que imagina Informação 8 de Fevereiro de 2011 Campanha institucional do grupo Portucel Soporcel arranca hoje O papel de Portugal no mundo é mais importante do que imagina Arranca hoje a nova campanha institucional

Leia mais

A Indústria Portuguesa de Moldes

A Indústria Portuguesa de Moldes A Indústria Portuguesa de Moldes A Indústria Portuguesa de Moldes tem vindo a crescer e a consolidar a sua notoriedade no mercado internacional, impulsionada, quer pela procura externa, quer por uma competitiva

Leia mais

O PAPEL DE PORTUGAL NO MUNDO É MAIS IMPORTANTE DO QUE IMAGINA.

O PAPEL DE PORTUGAL NO MUNDO É MAIS IMPORTANTE DO QUE IMAGINA. O PAPEL DE PORTUGAL NO MUNDO É MAIS IMPORTANTE DO QUE IMAGINA. Mensagem da Administração Bem-vindos ao Complexo Industrial da Figueira da Foz do grupo Portucel Soporcel. É com muita satisfação que Vos

Leia mais

A Indústria Portuguesa de Moldes

A Indústria Portuguesa de Moldes A Indústria Portuguesa de Moldes A Indústria Portuguesa de Moldes tem vindo a crescer e a consolidar a sua notoriedade no mercado internacional, impulsionada, quer pela procura externa, quer pelo conjunto

Leia mais

SOLUÇÕES DE ARMAZENAGEM

SOLUÇÕES DE ARMAZENAGEM SOLUÇÕES DE ARMAZENAGEM O GRUPO MECALUX O GRUPO MECALUX A segunda maior empresa do setor a nível mundial. Faturamento EUR 531,1 milhões em 2006. Vendas em mais de 70 países de todo o mundo. Posição dominante

Leia mais

Imagem Global e Reputação da Indústria Automobilística

Imagem Global e Reputação da Indústria Automobilística Imagem Global e Reputação da Indústria Automobilística Contexto Durante a história recente, as percepções públicas a respeito da indústria automobilística tem reagido de acordo com eventos e marcos globais

Leia mais

Apresentação Overseas 2008. Preparado por Overseas Internacional

Apresentação Overseas 2008. Preparado por Overseas Internacional Apresentação Overseas 2008 Preparado por Overseas Internacional 2008 arnaudlogis - CRESCER EM SEGURANÇA Na linha da estratégia delineada pela sua Administração, a Arnaud Logis viu consolidada a sua liderança

Leia mais

mudanças nos modelos de negócios do setor automobilístico, impulsionadas pelas pesquisas de novas tecnologias energéticas e de segurança.

mudanças nos modelos de negócios do setor automobilístico, impulsionadas pelas pesquisas de novas tecnologias energéticas e de segurança. AUTOMOTIVE Mudança de rumos Pressões dos consumidores por praticidade e economia, somadas à necessidade de adaptação dos veículos ao planejamento urbano, criam um cenário desafiador para a indústria automobilística

Leia mais

Relatório de sustentabilidade 2012 Volkswagen Autoeuropa, Lda.

Relatório de sustentabilidade 2012 Volkswagen Autoeuropa, Lda. Relatório de sustentabilidade 2012 Volkswagen Autoeuropa, Lda. 2 Índice 1 INTRODUÇÃO 1.1 Âmbito do relatório 07 1.2 Editorial 08 1.3 Indicadores-chave 10 1.4 Principais acontecimentos 2012 12 PERFIL E

Leia mais

Apresentação Institucional. Volkswagen do Brasil

Apresentação Institucional. Volkswagen do Brasil Apresentação Institucional Volkswagen do Brasil Volkswagen Resíduos CRQ 24 setembro 2015 1) A Volkswagen 2) Unidade Anchieta 3) Programa Think Blue. Factory 4) Resíduos Mapeamento Melhores práticas Principais

Leia mais

Que políticas de transportes

Que políticas de transportes Que políticas de transportes 8º ciclo de seminários - Transportes e negócios J. Paulino Pereira (Instituto Superior Técnico Universidade Técnica de Lisboa) Professor Universitário e Consultor Aeroportos

Leia mais

A Indústria Portuguesa de Moldes

A Indústria Portuguesa de Moldes A Indústria Portuguesa de Moldes A Indústria Portuguesa de Moldes tem vindo a crescer e a consolidar a sua notoriedade no mercado internacional, impulsionada, quer pela procura externa, quer por uma competitiva

Leia mais

Portugal Investimento

Portugal Investimento Portugal Investimento O Investimento Bruto atingiu os 32 mil milhões de euros e o acumulado 71,7 mil milhões de euros o que significa um crescimento de quase 50% nos últimos 5 anos. Cerca de 32% do IDE

Leia mais

Soluções de seguro de créditos no apoio à exportação. COSEC - Estamos onde estiver o seu negócio. www.cosec.pt

Soluções de seguro de créditos no apoio à exportação. COSEC - Estamos onde estiver o seu negócio. www.cosec.pt Soluções de seguro de créditos no apoio à exportação. COSEC - Estamos onde estiver o seu negócio. www.cosec.pt COSEC Companhia de Seguro de Créditos 2012 1 2 Sobre a COSEC O que é o Seguro de Créditos

Leia mais

ABINFER. Programa para a cadeia produtiva de FERRAMENTARIA

ABINFER. Programa para a cadeia produtiva de FERRAMENTARIA ABINFER Programa para a cadeia produtiva de FERRAMENTARIA O Plano de Metas foi um importante programa de industrialização e modernização levado a cabo na presidência de Juscelino Kubitschek 1956-1961.

Leia mais

Indústria Automobilística: O Desafio da Competitividade Internacional

Indústria Automobilística: O Desafio da Competitividade Internacional Encontro Econômico Brasil-Alemanha Indústria Automobilística: O Desafio da Competitividade Internacional Jackson Schneider Presidente Anfavea Blumenau, 19 de novembro de 2007 1 Conteúdo 2 1. Representatividade

Leia mais

Conferência Alemanha Europeia / Europa Alemã. 26 de novembro de 2014

Conferência Alemanha Europeia / Europa Alemã. 26 de novembro de 2014 Conferência Alemanha Europeia / Europa Alemã 26 de novembro de 2014 1. Empresas Alemãs em Portugal 2. Investimento Direto Alemão em Portugal 3. Exportação / Importação 1. Empresas Alemãs em Portugal Perspetiva

Leia mais

Implantação do Programa Visa Waiver. 26.11.2013 Audiência pública: Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado

Implantação do Programa Visa Waiver. 26.11.2013 Audiência pública: Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado Implantação do Programa Visa Waiver 26.11.2013 Audiência pública: Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado Chegadas internacionais Brasil XAmérica Latina Turistas internacionais (milhões)

Leia mais

Discurso do Encontro Ministerial sobre Infraestruturas entre China e PLP

Discurso do Encontro Ministerial sobre Infraestruturas entre China e PLP Discurso do Encontro Ministerial sobre Infraestruturas entre China e PLP Senhores Ministros, É com grande satisfação que venho ouvir as políticas de investimento internacional, a nível das infraestruturas,

Leia mais

Indicadores Ambientais

Indicadores Ambientais Indicadores Ambientais / Desempenho Em, publicámos o nosso primeiro Relatório Ambiental, como forma de divulgar os nossos esforços e resultados na área da protecção ambiental. A presente publicação deve

Leia mais

intra Perfil do Gestor

intra Perfil do Gestor Perfil do Gestor 35 Entrevista Dinah J. Kamiske, Autoeuropa A internacionalização economia obriga as empresas a tornarem-se mais competitivas. Entrevista de José Branco Dados publicados recentemente prevêem

Leia mais

EVOLUÇÃO DO TRANSPORTE MARÍTIMO E O SEU IMPACTO NA INFRA-ESTRUTURA PORTUÁRIA EXECUÇÃO 2013

EVOLUÇÃO DO TRANSPORTE MARÍTIMO E O SEU IMPACTO NA INFRA-ESTRUTURA PORTUÁRIA EXECUÇÃO 2013 1 2 3 EVOLUÇÃO DO TRANSPORTE MARÍTIMO E O SEU IMPACTO NA INFRA-ESTRUTURA PORTUÁRIA EXECUÇÃO 2013 4 5 EVOLUÇÃO DO TRANSPORTE MARÍTIMO O COMÉRCIO INDUZ A OPERAÇÃO DE TRANSPORTE Cabe ao Transporte Marítimo

Leia mais

Seminário Internacional Cooperação Internacional e Inovação em Logística. Feira de Valladolid

Seminário Internacional Cooperação Internacional e Inovação em Logística. Feira de Valladolid Seminário Internacional Cooperação Internacional e Inovação em Logística Feira de Valladolid Copyright 2011 APLOG All Rights Reserved. 1 Desde 1991 20 anos de existência É uma associação de conhecimento,

Leia mais

A Competitividade dos Portos Portugueses O Turismo e o Sector dos Cruzeiros

A Competitividade dos Portos Portugueses O Turismo e o Sector dos Cruzeiros O Turismo e o Sector dos Cruzeiros Agenda 1. Portugal e o Mar 2. Os Cruzeiros no PENT 3. O Turismo na Economia Portuguesa 4. O Segmento de Cruzeiros Turísticos 5. Cruzeiros Turísticos em Portugal Terminais

Leia mais

Seminário Sustentabilidade

Seminário Sustentabilidade Seminário Sustentabilidade AMCHAM Modalidade ELIS - Estratégia, Liderança e Inovação em Sustentabilidade Case: Sustentabilidade na Schneider Electric Brasil. Categoria Produto Case: VillaSmart Frente às

Leia mais

ANÁLISE DE COMPETITIVIDADE RAÇÕES

ANÁLISE DE COMPETITIVIDADE RAÇÕES ANÁLISE DE COMPETITIVIDADE RAÇÕES Agosto/15 Análise de Competitividade Rações Resumo da Cadeia de Valores Painel de Indicadores de Monitoramento da Competitividade Setorial Percepção empresarial da competitividade

Leia mais

Comunicado à Imprensa

Comunicado à Imprensa Economy Página 1 de 6 Rede mundial de vendas e capacidade de produção expandidas para sustentar o crescimento contínuo Sucesso financeiro em 2013: Beckhoff Automation aumenta o faturamento em 7%, chegando

Leia mais

A empresa em 2014. Quem somos. O que fazemos. recursos

A empresa em 2014. Quem somos. O que fazemos. recursos 6 A Empresa A empresa em 2014 Quem somos A Coca-Cola Iberian Partners é a empresa engarrafadora da The Coca-Cola Company para Espanha, Portugal e Andorra. A empresa constituiu-se em fevereiro de 2013,

Leia mais

Espírito Santo Investment Bank Overview FIT FOR A NEW ERA

Espírito Santo Investment Bank Overview FIT FOR A NEW ERA Espírito Santo Investment Bank Overview FIT FOR A NEW ERA December 2011 Espírito Santo Investment Bank Somos: A unidade de Banca de Investimento do Grupo Banco Espírito Santo O Banco de Investimento de

Leia mais

Setúbal, 15 de Março de 2015

Setúbal, 15 de Março de 2015 Setúbal, 15 de Março de 2015 Península de Setúbal 1 421 Km2 9 concelhos 782 044 pessoas Peso na população nacional População ativa (igual à média nacional) 7% 49% Alcochete Almada Barreiro Moita Montijo

Leia mais

17ª TRANSPOSUL FEIRA E CONGRESSO DE TRANSPORTE E LOGÍSTICA

17ª TRANSPOSUL FEIRA E CONGRESSO DE TRANSPORTE E LOGÍSTICA 17ª TRANSPOSUL FEIRA E CONGRESSO DE TRANSPORTE E LOGÍSTICA PALESTRA FALTA DE COMPETITIVIDADE DO BRASIL FRENTE AO MERCADO EXTERNO JOSÉ AUGUSTO DE CASTRO Porto Alegre, 24 de JUNHO de 2015 2 - TEORIAS No

Leia mais

O Projecto de Alta Velocidade em Portugal. Lisboa, 17 de Novembro de 2008

O Projecto de Alta Velocidade em Portugal. Lisboa, 17 de Novembro de 2008 O Projecto de Alta Velocidade em Portugal Lisboa, 17 de Novembro de 2008 Sinopse Histórica Sinopse Histórica Dez/2000 Criação da RAVE Jan/2001 Criação do AVEP Jun/2002 Início dos Estudos de Viabilidade

Leia mais

Transportes Sul do Tejo MOBILIDADE SUSTENTÁVEL

Transportes Sul do Tejo MOBILIDADE SUSTENTÁVEL Transportes Sul do Tejo MOBILIDADE SUSTENTÁVEL Graça Calapez Barreiro, 22 de Outubro de 2010 HISTÓRIA A T.S.T. constitui-se a partir de um dos centros da Rodoviária Nacional. Foi privatizada em Janeiro

Leia mais

Política da Nestlé sobre Sustentabilidade Ambiental

Política da Nestlé sobre Sustentabilidade Ambiental Política da Nestlé sobre Sustentabilidade Ambiental Política da Nestlé sobre Sustentabilidade Ambiental A Nestlé, na qualidade de Companhia líder em Nutrição, Saúde e Bem-Estar, assume o seu objectivo

Leia mais

Missão Empresarial EUA Flórida. 21 a 26 de Março 2015

Missão Empresarial EUA Flórida. 21 a 26 de Março 2015 Missão Empresarial EUA Flórida 21 a 26 de Março 2015 Apoiamos empresas a ter sucesso nos mercados internacionais Sobre nós Na Market Access prestamos serviços de apoio à exportação e internacionalização.

Leia mais

PIRENE IV Melhoria das Redes de Transporte do Sudoeste Europeu

PIRENE IV Melhoria das Redes de Transporte do Sudoeste Europeu PIRENE IV Melhoria das Redes de Transporte do Sudoeste Europeu Ligação Ferroviária ria Sines/Elvas Luísa Soares Direcção de Estudos e Estratégia llsoares@refer.pt Zaragoza, 20.10.2009 Índice 1. Enquadramento

Leia mais

TRANSPORTE INTERMODAL. Os diferentes modos de transporte deverão funcionar como peças de um puzzle, que se encaixam harmoniosamente

TRANSPORTE INTERMODAL. Os diferentes modos de transporte deverão funcionar como peças de um puzzle, que se encaixam harmoniosamente TRANSPORTE INTERMODAL Os diferentes modos de transporte deverão funcionar como peças de um puzzle, que se encaixam harmoniosamente Rui Rodrigues Site: www.maquinistas.org (Ver Opinião) Email rrodrigues.5@netcabo.pt

Leia mais

mysap All-in-One AutomotiveSuppliers Indústria Auxiliar do Ramo Automóvel (Mecanizado, Injecção, Componentes Electrónicos)

mysap All-in-One AutomotiveSuppliers Indústria Auxiliar do Ramo Automóvel (Mecanizado, Injecção, Componentes Electrónicos) mysap All-in-One AutomotiveSuppliers Indústria Auxiliar do Ramo Automóvel (Mecanizado, Injecção, Componentes Electrónicos) DESCRIÇÃO E BENEFÍCIOS DO AutomotiveSuppliers OSECTOR É possível destacar alguns

Leia mais

NewVision Enquadramento do projecto de Qualificação e Internacionalização de PME

NewVision Enquadramento do projecto de Qualificação e Internacionalização de PME NewVision Enquadramento do projecto de Qualificação e Internacionalização de PME 15.06.2010 Institucional \ Breve Introdução A NEWVISION é uma empresa Portuguesa de base tecnológica, que tem como objectivo

Leia mais

CENÁRIOS 2013: PERSPECTIVAS E O SETOR DE BKs 19/03/2013

CENÁRIOS 2013: PERSPECTIVAS E O SETOR DE BKs 19/03/2013 CENÁRIOS 2013: PERSPECTIVAS E O SETOR DE BKs 19/03/2013 CENÁRIO GLOBAL Crescimento global de 3,4 % em 2013 O mundo retoma a média histórica de crescimento (3,4% a.a) Zona do Euro sai da recessão Os EEUU

Leia mais

Ir mais longe até onde for o futuro!

Ir mais longe até onde for o futuro! Ir mais longe até onde for o futuro! DOSSIER DE IMPRENSA 2010 Luís Simões A Luís Simões (LS) é composta por 10 empresas juridicamente autónomas e agrupadas em 3 unidades de negócio: transporte, logística

Leia mais

SEMINÁRIO EXPORTAR, EXPORTAR, EXPORTAR. Viana do Castelo, 11de Fevereiro

SEMINÁRIO EXPORTAR, EXPORTAR, EXPORTAR. Viana do Castelo, 11de Fevereiro SEMINÁRIO EXPORTAR, EXPORTAR, EXPORTAR Viana do Castelo, 11de Fevereiro www.cosec.pt COSEC Companhia de Seguro de Créditos, S.A. 2014 Índice Sobre a COSEC Seguro de Créditos Soluções à medida em resumo

Leia mais

Células de combustível

Células de combustível Células de combustível A procura de energia no Mundo está a aumentar a um ritmo alarmante. A organização WETO (World Energy Technology and Climate Policy Outlook) prevê um crescimento anual de 1,8 % do

Leia mais

PRESS info. Ecolution by Scania. Produtos e serviços para um melhor resultado económico

PRESS info. Ecolution by Scania. Produtos e serviços para um melhor resultado económico PRESS info 22/10/2013 Ecolution by Scania Produtos e serviços para um melhor resultado económico Ecolution by Scania é um novo modelo de negócio para as empresas de transporte preocupadas com os custos

Leia mais

COMUNICADO DE IMPRENSA

COMUNICADO DE IMPRENSA Grupo PTV em expansão internacional - também na América do Sul PTV inaugura sua própria filial no Brasil Karlsruhe/São Paulo, 15/10/2015. Os especialistas em transportes do Grupo PTV estão expandindo ainda

Leia mais

Os nossos indicadores de crescimento actuais continuam a ser positivos.

Os nossos indicadores de crescimento actuais continuam a ser positivos. EMPRESA Conheça a 3 Somos uma empresa que opera no sector do transporte urgente especializado em e-commerce, logística e distribuição. Desde o nosso início tivemos uma expansão imparável, com um crescimento

Leia mais

O GRUPO AITEC. Breve Apresentação

O GRUPO AITEC. Breve Apresentação O GRUPO AITEC Breve Apresentação Missão Antecipar tendências, identificando, criando e desenvolvendo empresas e ofertas criadoras de valor no mercado mundial das Tecnologias de Informação e Comunicação

Leia mais

As Megatendências por Setores da Economia CRI Minas 25 de Setembro de 2014

As Megatendências por Setores da Economia CRI Minas 25 de Setembro de 2014 As Megatendências por Setores da Economia CRI Minas 25 de Setembro de 2014 Fortune Top companies: Biggest by Market Value Fortune Top companies: Most profitable VALOR V = Valor percebido pelo cliente (

Leia mais

BMEQualitySourcing.com: Vantagens para os clientes

BMEQualitySourcing.com: Vantagens para os clientes A base de dados exclusiva de fornecedores Gerida por uma das maiores Associações de Compradores de Materiais e Logística na Europa Conteúdo: Pequeno resumo e informações sobre o registo 1 1 BMEQualitySourcing.com:

Leia mais

FIT FOR A NEW ERA ECONOMIA DAS LÍNGUAS PORTUGUESA E ESPANHOLA LÍNGUA, COMÉRCIO EXTERNO E INVESTIMENTO ESTRANGEIRO PERSPECTIVAS EMPRESARIAIS

FIT FOR A NEW ERA ECONOMIA DAS LÍNGUAS PORTUGUESA E ESPANHOLA LÍNGUA, COMÉRCIO EXTERNO E INVESTIMENTO ESTRANGEIRO PERSPECTIVAS EMPRESARIAIS LÍNGUA, COMÉRCIO EXTERNO E Paternoster Square Londres ECONOMIA DAS LÍNGUAS PORTUGUESA E ESPANHOLA INVESTIMENTO ESTRANGEIRO PERSPECTIVAS EMPRESARIAIS Francisco Cary 19 de Maio de 2011 O Mercado dos Países

Leia mais

Mais valias dos Relatórios de Sustentabilidade Um contributo da PT

Mais valias dos Relatórios de Sustentabilidade Um contributo da PT Mais valias dos Relatórios de Sustentabilidade Um contributo da PT A Responsabilidade Social Corporativa no Contexto da Internacionalização Abril, 2014 AGENDA QUEM SOMOS SUSTENTABILIDADE A IMPORTÂNCIA

Leia mais

INSTITUTO POLITÉCNICO DE SETÚBAL

INSTITUTO POLITÉCNICO DE SETÚBAL INSTITUTO POLITÉCNICO DE SETÚBAL ESCOLA SUPERIOR DE CIÊNCIAS EMPRESARIAIS Departamento de Economia e Gestão Gestão da Distribuição e da Logística Gestão de Recursos Humanos Gestão de Sistemas de Informação

Leia mais

Expectativas para 2015

Expectativas para 2015 Crise Economia Pessimismo Política Otimismo Segurança Saúde Prosperidade Expectativas para 2015 OBJETIVO Medir a expectativa da população mundial para o ano seguinte, por meio de índices de esperança e

Leia mais

Logística integrada promove competitividade

Logística integrada promove competitividade Logística integrada promove competitividade São Luís, Maranhão 30 de novembro de 2011 Andreas Klien andreas@klien.net Link para esta apresentação: http://bit.ly/uesfwf 1. Breve histórico 2. Multiterminais

Leia mais

Sumário executivo. Em conjunto, as empresas que implementaram

Sumário executivo. Em conjunto, as empresas que implementaram 10 Sumário executivo Conclusões coordenadas pela Deloitte, em articulação com os membros do Grupo de Trabalho da AÇÃO 7 Sumário executivo Em conjunto, as empresas que implementaram estes 17 projetos representam

Leia mais

Programas Operacionais e Sistemas de Incentivos às Empresas

Programas Operacionais e Sistemas de Incentivos às Empresas Programas Operacionais e Sistemas de Incentivos às Empresas Da União Europeia vão chegar até 2020 mais de 20 mil milhões de euros a Portugal. Uma pipa de massa, nas palavras do ex-presidente da Comissão

Leia mais

Angola Breve Caracterização. Julho 2007

Angola Breve Caracterização. Julho 2007 Breve Caracterização Julho 2007 I. Actividade e Preços. Após o final da guerra civil em 2002, e num contexto de relativa estabilidade política, tornou-se numa das economias de mais elevado crescimento

Leia mais

João Franco. Portos e Transportes Marítimos. Presidente do Conselho de Administração Administração do Porto de Sines, S.A.

João Franco. Portos e Transportes Marítimos. Presidente do Conselho de Administração Administração do Porto de Sines, S.A. João Franco Presidente do Conselho de Administração Administração do Porto de Sines, S.A. Lisboa, 14 de novembro de 2013 Portos e Transportes Marítimos 1 Portugal como HUB de transporte marítimo Visão

Leia mais

Webinar TMS. 13 de Março de 2014. Pedro Gordo Supply Chain Business Development. Nelson Marques. TMS Consultant

Webinar TMS. 13 de Março de 2014. Pedro Gordo Supply Chain Business Development. Nelson Marques. TMS Consultant Webinar TMS 13 de Março de 2014 Pedro Gordo Supply Chain Business Development Nelson Marques TMS Consultant 2 Generix Group em resumo Produtor de software para o universo do comércio > Distribuidores e

Leia mais

Helmut Ernst é o novo presidente do Conselho Mundial de Administração da ZF Services

Helmut Ernst é o novo presidente do Conselho Mundial de Administração da ZF Services Page 1/5, Março 11, 2015 Helmut Ernst é o novo presidente do Conselho Mundial de Administração da ZF Services Especialista industrial, Ernst adota a mobilidade interligada ; Novos serviços telemáticos

Leia mais

MOBILIDADE SUSTENTÁVEL

MOBILIDADE SUSTENTÁVEL MOBILIDADE SUSTENTÁVEL Quem somos TIS A TIS tem como missão a geração de valor na área da mobilidade e transportes para os seus clientes e acionistas, baseado em soluções sustentáveis do ponto de vista

Leia mais

Clube Vida em Grupo CVG

Clube Vida em Grupo CVG Clube Vida em Grupo CVG Edward Lange Agosto, 2013 Agenda 1 2 3 4 Allianz SE Allianz Brasil Estratégia Vida e Saúde 1 Allianz SE Concorrentes Globais Prêmio Emitido Líquido EUR Bi Allianz 52,3 46,9 99,2

Leia mais

Waste Lab. Development Standards) e são compostos

Waste Lab. Development Standards) e são compostos Waste Lab 1 Waste Lab Inicialmente era designada como área de resíduos, mas hoje em dia é conhecido como laboratório. Estamos a falar da gestão de resíduos do CascaiShopping, centro comercial da Sonae

Leia mais

Fábrica de. Imperatriz

Fábrica de. Imperatriz Fábrica de Industrial Por que Maranhão? Logística Florestal Fábrica de Por que Maranhão? COMPETITIVIDADE FLORESTAL Nova Fronteira para produção de celulose PA MA PI TO BA FLORESTAL 25 anos de pesquisa

Leia mais

apresentação transporte sustentável Natura

apresentação transporte sustentável Natura apresentação transporte sustentável Natura NOVEMBRO / 2014 perfil natura a natura hoje É lider no mercado de cosméticos no Brasil há mais de 9 anos. A 10ª Empresa Mais Inovadora do Mundo (Forbes) A 6ª

Leia mais

APIMEC-MG Belo Horizonte 26 de agosto de 2009

APIMEC-MG Belo Horizonte 26 de agosto de 2009 APIMEC-MG Belo Horizonte 26 de agosto de 2009 1 1 Ressalvas As informações e declarações sobre eventos futuros estão sujeitas a riscos e incertezas, as quais têm como base estimativas e suposições da Administração

Leia mais

Importância geoestratégica de Portugal

Importância geoestratégica de Portugal GRANDE REPORTAGEM CLUBE EUROPEU AEVILELA Importância geoestratégica de Portugal PORTO DE SINES Porta ideal de entrada num conjunto de mercados CIDADE DA HORTA Telegraph Construction and Maintenance Company

Leia mais

DIÁRIO ECONÓMICO Calendário Projectos Especiais

DIÁRIO ECONÓMICO Calendário Projectos Especiais DIÁRIO ECONÓMICO Calendário Projectos Especiais 2012 JAN 19 Prémio Excelência Revista 30 Propriedade Intelectual 31 Industria Farmacêutica de Genéricos 2 Energia: Painéis Solares 7 Desafios de Portugal:

Leia mais

Comité Europeu da VW. Autoeuropa. Comissão de Trabalhadores Tel: 21 211 2606 / Fax: 21 211 3195 www.ctautoeuropa.com

Comité Europeu da VW. Autoeuropa. Comissão de Trabalhadores Tel: 21 211 2606 / Fax: 21 211 3195 www.ctautoeuropa.com Comité Europeu da VW Criação do Comité Europeu do Grupo VW Inicialmente era composto por Actualmente é composto por Num total de 25 membros. Criação do Comité Mundial do Grupo VW Desenvolvimento das estruturas

Leia mais

Missão Empresarial à China

Missão Empresarial à China Missão Empresarial à China Fornecedores do setor automóvel Xangai e Pequim 9 a 14 de setembro de 2013 Atualização Enquadramento A previsão do Governo Chinês emitida em Janeiro deste ano estima que em 2013

Leia mais

BRASIL. Francisca Peixoto

BRASIL. Francisca Peixoto BRASIL Francisca Peixoto INTRODUÇÃO BRASIL Um dos principais fornecedores de alimentos e matériasprimas do mundo Dotação única em recursos naturais Política agropecuária alinhada com estratégia nacional

Leia mais

Apresentação da Empresa

Apresentação da Empresa O2a Apresentação da Empresa Objectivo Ser uma empresa de referencia do sector a nível europeu em 2012 Missão Expandir o uso dos nossos produtos oferecendo sempre as melhores e mais apropriadas soluções

Leia mais

Reportar o desempenho de sustentabilidade de uma empresa: O caso EDP

Reportar o desempenho de sustentabilidade de uma empresa: O caso EDP 12 de Outubro 2005 Reportar o desempenho de sustentabilidade de uma empresa: O caso EDP Neves de Carvalho EDP Energias de Portugal SA Existe globalmente uma crise de credibilidade nas instituições que

Leia mais

Iniciativa PE2020. A Engenharia como fator de competitividade Projetos colaborativos. António Manzoni/Vilar Filipe

Iniciativa PE2020. A Engenharia como fator de competitividade Projetos colaborativos. António Manzoni/Vilar Filipe Iniciativa PE2020 A Engenharia como fator de competitividade Projetos colaborativos António Manzoni/Vilar Filipe Novembro 2013 Projeto Engenharia 2020 Preocupações macroeconómicas Papel da engenharia na

Leia mais

Apresentação da empresa Setembro de 2013

Apresentação da empresa Setembro de 2013 Apresentação da empresa Setembro de 2013 1 ORGANIZAÇÃO DA R&C SGPS R&C, SGPS 80% RARI 80% CEDI 78% OVO Solutions 80% VSD 100% RARI GmbH 100% OVO Solutions S.L 100% OVO Service 2 HISTÓRIA DA R&C SGPS A

Leia mais

A ligação Setúbal-Paris Business Case Serviço intermodal Portugal-França

A ligação Setúbal-Paris Business Case Serviço intermodal Portugal-França A ligação Setúbal-Paris Business Case Serviço intermodal Portugal-França Artur Alves FORDESI, SA 10 de Novembro de 2009 IV Seminário Plataformas Logísticas Ibéricas Overview Características do serviço

Leia mais

Sociedade de Geografia de Lisboa

Sociedade de Geografia de Lisboa Sociedade de Geografia de Lisboa Tema A internacionalização das empresas portuguesas para os Países da Europa Central e Oriental (PECO) Autor Rui Paulo Almas Data Lisboa, 25 de Junho de 2012 1 A internacionalização

Leia mais

Energy Target Setting

Energy Target Setting Energy Target Setting 1 A mudança comportamental está na base de toda e qualquer alteração que queiramos provocar, seja no contexto empresarial ou outro. No caso específico da eficiência energética é crítico

Leia mais

NOVOS INVESTIMENTOS NA FERROVIA ESTRATÉGIAS E ARTICULAÇÃO INTERMODAL 9 DE NOVEMBRO DE 2015

NOVOS INVESTIMENTOS NA FERROVIA ESTRATÉGIAS E ARTICULAÇÃO INTERMODAL 9 DE NOVEMBRO DE 2015 NOVOS INVESTIMENTOS NA FERROVIA ENQUADRAMENTO DA IMPLEMENTAÇÃO DA REDE TRANSEUROPEIA DE TRANSPORTES E DO MECANISMO INTERLIGAR A EUROPA JOSÉ VALLE / CEETVC ORIENTAÇÕES BASE DO PROGRAMA DA CEETVC PARA O

Leia mais

EMBRAER ANUNCIA PERSPECTIVAS DE LONGO PRAZO PARA AVIAÇÃO Estimativas de demanda mundial abrangem os mercados de jatos comerciais e executivos

EMBRAER ANUNCIA PERSPECTIVAS DE LONGO PRAZO PARA AVIAÇÃO Estimativas de demanda mundial abrangem os mercados de jatos comerciais e executivos EMBRAER ANUNCIA PERSPECTIVAS DE LONGO PRAZO PARA AVIAÇÃO Estimativas de demanda mundial abrangem os mercados de jatos comerciais e executivos São José dos Campos, 7 de novembro de 2008 A Embraer (BOVESPA:

Leia mais

A LOGÍSTICA NA UNIÃO EUROPEIA

A LOGÍSTICA NA UNIÃO EUROPEIA A LOGÍSTICA NA UNIÃO EUROPEIA Gustavo Paulo Duarte Porto Alegre, 23 a 25 Junho de 2015 AGENDA Caracterização estrutural do setor e da conjuntura As oportunidades para a criação de valor Os apoios à competitividade

Leia mais

10º Simpósio Ciclo. Integração das Estratégias de Marketing e de Logística no Pós-Venda da Ford

10º Simpósio Ciclo. Integração das Estratégias de Marketing e de Logística no Pós-Venda da Ford 10º Simpósio Ciclo Integração das Estratégias de Marketing e de Logística no Pós-Venda da Ford Edison Kubo e Oswaldo Ramos 8 de Dezembro de 2004 Agenda 1. Estratégia de Excelência Operacional 2. Custo

Leia mais

[Aprender Português / Portugiesisch lernen]

[Aprender Português / Portugiesisch lernen] [Aprender Português / Portugiesisch lernen] Sabias que segundo a última edição do livro The Ethnologue: languages of the world, o número de línguas faladas no mundo é de 6912. 1. Analisa o seguinte ranking

Leia mais

10º Fórum da Indústria Têxtil. Que Private Label na Era das Marcas?

10º Fórum da Indústria Têxtil. Que Private Label na Era das Marcas? Que Private Label na Era das Marcas? Vila Nova de Famalicão, 26 de Novembro de 2008 Manuel Sousa Lopes Teixeira 1 2 INTELIGÊNCIA TÊXTIL O Sector Têxtil e Vestuário Português e o seu enquadramento na Economia

Leia mais

Calendário Formação 2011

Calendário Formação 2011 ÁREA: SISTEMAS DE GESTÃO DA QUALIDADE Implementação de um Sistema de Gestão da Qualidade IS0 9001:2008 16 HORAS 21 FEV 22 FEV LISBOA 21 MAR 22 MAR LISBOA 16 MAI 17 MAI PORTO 10 OUT 11 OUT LISBOA 14 NOV

Leia mais

PROGRAMA DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA WEG - Brasil - ISO 50001 - Melhorar o desempenho energético de forma sistematizada e continuada

PROGRAMA DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA WEG - Brasil - ISO 50001 - Melhorar o desempenho energético de forma sistematizada e continuada PROGRAMA DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA WEG - Brasil - ISO 50001 - Melhorar o desempenho energético de forma sistematizada e continuada História 16 de setembro de 1961 Werner Ricardo Voigt, Eggon João da Silva

Leia mais

5. Práticas de SCM na GSK

5. Práticas de SCM na GSK 5. Práticas de SCM na GSK Desde a fusão em 2001, a GSK estima que obteve cerca de 1 bilhão em economias relacionadas à racionalização da sua rede de suprimentos e das atividades de SCM. Além das economias

Leia mais

PP nº 16 da RTE-T: Ligação ferroviária entre o porto de Sines e Elvas (fronteira)

PP nº 16 da RTE-T: Ligação ferroviária entre o porto de Sines e Elvas (fronteira) PP nº 16 da RTE-T: Ligação ferroviária entre o porto de Sines e Elvas (fronteira) Comissão Arco Atlântico Eduardo Borges Pires, Director de Estudos e Estratégia Sines, 11 de Março de 2011 Procura Transporte

Leia mais

A Integração da Manufatura na General Motors

A Integração da Manufatura na General Motors A Integração da Manufatura na General Motors Simpósio SAE Brasil Manufatura Automotiva José Eugenio Pinheiro Vice Presidente de Manufatura General Motors - América Latina, África & Oriente Médio 22 de

Leia mais

2ª Reunião do National Supporting Group (NSG) - Projecto Ele.C.Tra. Lisboa, 13 de Junho de 2015

2ª Reunião do National Supporting Group (NSG) - Projecto Ele.C.Tra. Lisboa, 13 de Junho de 2015 2ª Reunião do National Supporting Group (NSG) - Projecto Ele.C.Tra Lisboa, 13 de Junho de 2015 EMEL EMEL Empresa Municipal de Mobilidade e Estacionamento de Lisboa, E.M. S.A., tem como objecto a gestão

Leia mais

A Geberit está a criar valores sustentáveis. Dr. José Seabra Director Geral

A Geberit está a criar valores sustentáveis. Dr. José Seabra Director Geral A Geberit está a criar valores sustentáveis Dr. José Seabra Director Geral A Geberit está a criar valores sustentáveis Estrutura Motivação Performance Responsabilidade Acreditamos numa sustentabilidade

Leia mais

Entrevista com Omnitrade, Revestimentos Metálicos, SA. Diogo Osório Administrador Patrícia Carvalho Administradora. www.omnitrade.

Entrevista com Omnitrade, Revestimentos Metálicos, SA. Diogo Osório Administrador Patrícia Carvalho Administradora. www.omnitrade. Entrevista com Omnitrade, Revestimentos Metálicos, SA Diogo Osório Administrador Patrícia Carvalho Administradora www.omnitrade.pt Quality Media Press O que representa a empresa o mercado português? R.

Leia mais