CONTRATO N. 086/2010

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CONTRATO N. 086/2010"

Transcrição

1 Processo n CONTRATO N. 086/00 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA TECNOLÓGICA CONFORTO AMBIENTAL LTDA.. O ESTADO DE SANTA CATARINA, pessoa jurídica de direito público interno, por intermédio do PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, estabelecido na Rua Dr. Álvaro Millen da Silveira, 08, Centro, Florianópolis/SC, CNPJ n /000-59, neste ato representado por seu Diretor-Geral Administrativo, Senhor SÉRGIO GALLIZA, doravante denominada CONTRATANTE, e a empresa TECNOLÓGICA CONFORTO AMBIENTAL LTDA., estabelecida na Rua Gualberto Senna, n. 379, Jardim Atlântico, Florianópolis, CNPJ n /000-90, neste ato representada por sua Sócia Administradora, Senhora NADIR RODRIGUES ZANLUCA, doravante denominada CONTRATADA, resolvem celebrar este contrato, em decorrência do Processo n , de , referente à, aberta em , homologada em , mediante as seguintes cláusulas: DOS DOCUMENTOS Cláusula primeira. Fazem parte deste contrato, independentemente de transcrição, todos os elementos que compõem o processo de licitação antes nominado, inclusive a proposta apresentada pela CONTRATADA. DO OBJETO Cláusula segunda. Este contrato tem por objeto a execução dos serviços de manutenção preventiva e corretiva no sistema de climatização do prédio do Tribunal de Justiça (Torre I), sem peças, com disponibilização de um operador (em tempo integral) e um auxiliar, para atuar nas dependências do Contratante, observadas as especificações contidas no Anexo único. º A CONTRATADA fica obrigada a aceitar, nas mesmas condições contratuais, acréscimos ou supressões que se fizerem no objeto do contrato, até 5% (vinte e cinco por cento) do valor inicial atualizado do contrato, em conformidade com o estabelecido no º do art. 65 da Lei n , de de junho de 993. º Considerar-se-ão inclusas todas as despesas concernentes à execução dos serviços, tais como encargos sociais, transportes, benefícios, despesas indiretas, tributos ou quaisquer outras incidências. CTV climatização_torre_i_tj /5 ene

2 Processo n DA EXECUÇÃO DOS SERVIÇOS Cláusula terceira. Os serviços serão executados de acordo com as condições contidas no Processo n e na proposta apresentada pela CONTRATADA, que originou este contrato, em conformidade com o disposto no do art. 54, da Lei n /993. º Os serviços serão executados no seguinte local e horário: I LOCAL DE EXECUÇÃO: Prédio do Tribunal de Justiça do Estado de Santa Catarina (Torre I); II ENDEREÇO: Rua Dr. Álvaro Millen da Silveira, 08, Centro, Florianópolis/SC; e III HORÁRIO: das 7 às 9h, em dias de expediente do CONTRATANTE; e IV HORÁRIO A SER CUMPRIDO PELO OPERADOR, NAS DEPENDÊNCIAS DO PRÉDIO DO CONTRATANTE: das 9h às h e das 4h às 9h, em dias de expediente do CONTRATANTE. º A CONTRATADA deverá entrar em contato com a Diretoria de Engenharia e Arquitetura, após a assinatura do contrato para que, juntas decidam as providências que deverão ser tomadas, no sentido de evitar transtornos durante a execução dos serviços, objeto deste contrato. 3º Caberá ao operador da CONTRATADA, diariamente, os procedimentos de ligar e desligar o sistema, bem como efetuar ajustes e balanceamentos que o mesmo exige, dentre outros, necessários ao pleno funcionamento do sistema. 4º Os serviços de manutenção preventiva serão realizados mensal, trimestral, semestral e anualmente, conforme disposto no Anexo único, por técnicos especializados e treinados pela CONTRATADA, que se apresentarão ao CONTRATANTE devidamente uniformizados ou com crachá de identificação. 5º Na execução dos serviços, a CONTRATADA deverá observar o disposto na Portaria n de , do Ministério da Saúde, bem como o disposto na Resolução RE n. 9, de , da ANVISA. 6 A CONTRATADA deverá apresentar RELATÓRIO DE MANUTENÇÃO MENSAL com planilhas de medições, observações sobre os serviços executados e problemas apresentados, enfatizando o quadro de funcionamento geral do sistema, devidamente assinado por seu responsável técnico e pela Diretoria de Engenharia e Arquitetura, incluindo o Plano de Manutenção, Operação e Controle PMOC. DA FISCALIZAÇÃO Cláusula quarta. O CONTRATANTE exercerá ampla e irrestrita fiscalização na execução dos serviços objeto deste contrato, a qualquer hora, pela Diretoria de Engenharia e Arquitetura. º A fiscalização do CONTRATANTE poderá exigir a substituição de qualquer empregado da CONTRATADA, de acordo com o interesse dos serviços. º O acompanhamento da execução deste contrato ficará a cargo da Diretoria de Engenharia e Arquitetura, conforme o caso, à qual caberá fiscalizar a sua execução e efetuar a liberação dos pagamentos, bem como comunicar à CONTRATADA, formalmente, o descumprimento de quaisquer cláusulas deste contrato. 3º A fiscalização anotará em registro próprio todas as ocorrências relacionadas com a execução deste contrato, determinando o que for necessário à regularização das faltas ou defeitos observados. 4º A fiscalização atuará desde o início dos serviços até o término da vigência do presente contrato. 5º A fiscalização exercida não exclui nem reduz a responsabilidade da CONTRATADA, inclusive de terceiros, por qualquer irregularidade cometida. 6º Ficará a cargo da Diretoria de Engenharia e Arquitetura comunicar à CONTRATADA, formalmente, o descumprimento de qualquer das cláusulas contratuais. CTV climatização_torre_i_tj /5 ene

3 Processo n º A fiscalização do CONTRATANTE poderá exigir a substituição de qualquer empregado ou preposto da CONTRATADA, de acordo com o interesse dos serviços, no prazo definido no inciso IV da cláusula décima sexta. DO ORÇAMENTO PRÉVIO Cláusula quinta. Em caso de necessidade de execução de serviços ou de substituição de peças não previstos neste contrato, a CONTRATADA fornecerá orçamento prévio para aprovação do CONTRATANTE, antes de sua execução, o qual discriminará valores relativos a mão-de-obra e a peças/materiais e serem empregados, bem como justificativa/causa do defeito apresentado. º Os serviços terceirizados como rebobinamento de motores, retífica de compressores, confecção de eixos, limpeza interna de dutos não estarão cobertos por este contrato. º A CONTRATADA, após autorizada, providenciará o conserto do equipamento, seguindo critérios técnicos apropriados, até recolocá-lo em condições normais de uso, utilizando-se, para tanto, somente de peças e componentes originais. DAS OBRIGAÇÕES E RESPONSABILIDADES DAS PARTES Cláusula sexta. São obrigações e responsabilidades do CONTRATANTE: I assegurar livre acesso das pessoas credenciadas pela CONTRATADA, para execução dos serviços de manutenção, exigindo sempre a carteira de identificação funcional; II não trocar ou alterar peças, sem autorização expressa da CONTRATADA; III proceder o aceite no RELATÓRIO DE MANUTENÇÃO por ocasião das visitas dos técnicos da CONTRATADA para prestação de serviços especificados neste instrumento; IV só permitir a retirada de qualquer componente do equipamento mediante recibo, salvo se houver substituição no ato do serviço; V empenhar os recursos necessários, garantido o pagamento das Notas Fiscais/Faturas em dia; VI publicar o extrato do contrato e de seus aditivos, se ocorrerem, no Diário da Justiça Eletrônico, órgão oficial de divulgação dos atos processuais e administrativos do Poder Judiciário do Estado de Santa Catarina, veiculado no site do CONTRATANTE, no endereço e VIII controlar e acompanhar toda a execução deste contrato. Cláusula sétima. São obrigações e responsabilidades da CONTRATADA: I assumir a responsabilidade pela boa execução e eficiência dos serviços que efetuar, bem como por quaisquer danos decorrentes da má realização destes, causados ao CONTRATANTE ou a terceiros; II não transferir a terceiros, no todo ou em parte, os serviços contratados, sem prévia anuência, por escrito, do CONTRATANTE; III manter sigilo, sob pena de responsabilidade civil, penal e administrativa, sobre todo e qualquer assunto de interesse do CONTRATANTE ou de terceiros de que tomar conhecimento, em razão da execução do objeto deste contrato, devendo orientar seus empregados nesse sentido; IV manter seguro de responsabilidade civil contra acidentes ou danos pessoais a terceiros, desde que tais eventos possam ser atribuídos direta e indiretamente a atos ou omissões de seus prepostos; V possuir quadro de pessoal suficiente para atendimento dos serviços, sem interrupção, seja por motivo de férias, descanso semanal, licenças, greves, faltas ao serviço e demissões, sob pena de aplicação das sanções cabíveis; CTV climatização_torre_i_tj 3/5 ene

4 Processo n VI Montar uma equipe de manutenção capaz de executar todos os tipos de manutenção corretiva do sistema de refrigeração, dos equipamentos listados no rol da manutenção, além de comprovar possuir ferramentas, instrumentos (termômetros, anemômetros, manômetros, vacuômetros, etc) e equipamentos para executar os serviços corretivos (máquinas de solda, bomba de vácuo, etc). Os serviços corretivos estão todos incluídos na manutenção corretiva deste contrato, como também os serviços de soldagem e os elementos de insumos de sua execução (gás inerte, vareta, etc); VII efetuar os serviços de acordo com as recomendações dos fabricantes dos equipamentos; VIII apresentar para a Diretoria de Engenharia e Arquitetura a Anotação de Responsabilidade Técnica ART do técnico de nível superior responsável pela execução dos serviços (engenheiro mecânico), quitada; IX executar e acompanhar os serviços de manutenção preventiva e corretiva, por intermédio de (um) técnico em refrigeração e ar acondicionado, devidamente registrado no CREA, e, no mínimo, por um auxiliar; X - manter, sem custos para o CONTRATANTE, 3 (três) números de telefones ( ), para atendimento emergencial, disponíveis 4 (vinte e quatro) horas; XI - disponibilizar serviço de atendimento ao usuário objetivando esclarecer e informar sobre o funcionamento dos equipamentos, abordando os seguintes pontos: disjuntor desligado, botão do timer acionado, filtro sujo, mal contato e outras anomalias; XII - fazer análise da qualidade de ar, conforme as normas e resoluções pertinentes à área, dos equipamentos individuais e equipamentos com dutos de alimentação de ar de insuflamento e renovação, a cada 6 (seis) meses, com a ª análise após 6 meses da assinatura do contrato. A liberação do pagamento estará vinculada à apresentação do relatório de análise da qualidade do ar. A amostra de qualidade do ar, segundo as orientações da Resolução n. 009/003 e normas técnicas inclusas, deve ser coletada em 60 pontos a serem apontados pela Diretoria de Engenharia e Arquitetura do Tribunal de Justiça, sendo apresentados em relatórios técnicos de acordo com a NBR 0.79; XIII apresentar à Diretoria de Engenharia e Arquitetura, RELATÓRIO DE MANUTENÇÃO com planilhas de medições, observações sobre os serviços executados e problemas apresentados, devidamente rubricado pelo responsável técnico da empresa e pelo Técnico responsável, indicado pela Diretoria de Engenharia e Arquitetura, incluindo Plano de Manutenção, Operação e Controle PMOC; XIV substituir, após solicitação, o empregado ou seu preposto que estiver trabalhando em desacordo com o interesse dos serviços e, por este motivo, for rejeitada pela fiscalização do CONTRATANTE; XV - o engenheiro mecânico responsável pela manutenção contratual deverá comparecer, a cada 3 (três) meses, na Diretoria de Engenharia e Arquitetura, para atualizar e reportar sobre a situação da manutenção dos equipamentos, bem como discutir ou apresentar melhorias. Em visita a este Tribunal o engenheiro deverá apresentar DIÁRIO DE MANUTENÇÃO, sobre os assuntos relacionados a manutenção, devidamente rubricado; XVI cumprir todas as exigências das Leis e normas atinentes à segurança, higiene e medicina do trabalho; e XVII manter, durante toda a execução do contrato, em compatibilidade com as obrigações assumidas, todas as condições de habilitação e qualificação exigidas na licitação; Parágrafo único. A empresa deverá fornecer mão-de-obra especializada de manutenção de forma adequada, equipamentos necessários para efetuar os serviços, bem como enquadrar as atividades prestadas de acordo com as normas vigentes de segurança do trabalho. CTV climatização_torre_i_tj 4/5 ene

5 Processo n DO CRÉDITO Cláusula oitava. A despesa decorrente da presente licitação correrá à conta do elemento de despesa , da Sub-ação n , da Classificação Funcional Programática n , do orçamento do Fundo de Reaparelhamento da Justiça, para o exercício de 00. DO PAGAMENTO Cláusula nona. O CONTRATANTE pagará à CONTRATADA a importância mensal total de R$ 6.045,00 (seis mil e quarenta e cinco reais), correspondente a execução do objeto descrito na cláusula segunda, observadas as especificações contidas no Anexo único, respeitadas as demais condições estabelecidas neste contrato. º As condições para que ocorra o pagamento serão as seguintes: I a CONTRATADA entregará a Nota Fiscal/Fatura na Seção de Protocolo do CONTRATANTE, acompanhada do RELATÓRIO DE MANUTENÇÃO MENSAL, RELATÓRIO DA ANÁLISE DA QUALIDADE DO AR, quando for o caso, e o do CARTÃO PONTO DA EQUIPE DE MANUTENÇÃO, com aceite da Diretoria de Engenharia e Arquitetura e da seguinte documentação (art. 7 c/c o art. 55, XIII, da Lei n /993), dentro do seu prazo de validade: a) comprovante da regularidade para com a Fazenda Federal; b) comprovante da regularidade para com a Fazenda Estadual; c) comprovante da regularidade para com a Fazenda Municipal; d) comprovante da regularidade para com a União Dívida Ativa; e) comprovante da regularidade para com a Seguridade Social (INSS); f) comprovante da regularidade para com o FGTS; e g) guia de recolhimento do INSS e do FGTS, relativo ao mês imediatamente anterior, que contenham o nome do operador que desempenha suas funções diariamente nas dependências deste Tribunal. II as certidões previstas no inciso anterior só serão aceitas com prazo de validade determinado no documento ou com data de emissão não superior a 80 (cento e oitenta) dias; III as certidões previstas no inciso I desta cláusula deverão ser apresentadas em cópias autenticadas ou exibidas com os originais; IV caso a CONTRATADA possua cadastro com o CONTRATANTE (com as certidões dentro do prazo de validade), a documentação constante do inciso I desta cláusula será substituída por documento emitido pela Comissão de Habilitação Cadastral; V no caso da isenção do ICMS (prevista no inciso XI do art. º do Anexo II do Decreto Estadual n..870, de 7 de agosto de 00 RICMS/SC, inserido pelo Decreto n. 55, de 5 de maio de 003 alteração n. 46), a CONTRATADA deverá emitir a Nota Fiscal/Fatura com o valor que consta na proposta e no empenho, bem como indicar, na respectiva Nota, o valor do desconto; VI relativamente ao IR e ao ISS a CONTRATADA deverá fazer apenas o destaque na Nota Fiscal/Fatura. A retenção somente será feita no pagamento. VII a CONTRATADA deverá, obrigatoriamente, destacar na Nota Fiscal/Fatura o percentual de % (onze por cento) à título de Retenção à Seguridade Social que será retida pelo CONTRATANTE, quando do pagamento; e VIII o não-cumprimento de um dos incisos acima acarretará o sobrestamento do pagamento, até que sejam solucionadas as pendências apontadas. CTV climatização_torre_i_tj 5/5 ene

6 Processo n º Sobre o valor de cada parcela incidirão as retenções para a seguridade social, imposto sobre serviços e imposto de renda. 3º O CONTRATANTE compromete-se a efetuar o pagamento até o 0º (décimo) dia útil a partir da liberação da Nota Fiscal/Fatura pela Diretoria de Engenharia e Arquitetura e após cumpridas as condições de pagamento supracitadas. 4º No caso do não-pagamento da Nota Fiscal/Fatura até o 0º (décimo) dia útil, por culpa exclusiva do CONTRATANTE, será efetuada a atualização monetária do º (décimo primeiro) dia útil até a data da efetiva quitação, atualizando-se o valor com base nos mesmos critérios adotados para a atualização das obrigações tributárias, em observância ao que dispõem o art. 7 da Constituição Estadual e o art. 40, XIV, c, da Lei n /993. 5º A não-prestação dos serviços de manutenção mensal, trimestral, semestral ou anual, conforme o caso, previstos no Anexo único deste contrato, por culpa exclusiva da CONTRATADA, resultará no não-pagamento da mensalidade, até que esta realize a manutenção respectiva. Realizada a manutenção em atraso, será enquadrada a CONTRATADA nas demais sanções administrativas cabíveis. DO REAJUSTE Cláusula décima. Os valores contratados poderão ser reajustados após decorrido (um) ano da vigência deste contrato, adotando-se como índice o IPC - FIPE (Índice de Preços ao Consumidor mês anterior), divulgado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas FIPE, contado a partir da data limite da apresentação da proposta, observados os valores praticados no mercado. Parágrafo único. O prazo previsto no caput somente poderá ser alterado por força de lei, sendo obrigatória a apresentação, por parte da CONTRATADA, da documentação que comprove a origem do novo preço praticado. DAS SANÇÕES ADMINISTRATIVAS Cláusula décima primeira. As sanções administrativas serão: advertência, multa, suspensão temporária de participar em licitações, impedimento de contratar com a Administração e declaração de inidoneidade para licitar ou contratar com a Administração Pública, com fulcro no Capítulo IV, Seção II, da Lei n /993. º A penalidade de ADVERTÊNCIA será aplicada em caso de infrações cometidas que prejudiquem a lisura do processo licitatório ou correspondam a pequenas irregularidades verificadas na execução do contrato, que venham ou não causar dano ao CONTRATANTE ou a terceiros. º A CONTRATADA estará sujeita às seguintes MULTAS: I 0,% (zero vírgula dois por cento) ao dia, limitada a 0% (dez por cento), sobre o valor da Nota Fiscal/Fatura, pelo atraso no atendimento das chamadas para efetuar a manutenção corretiva; II 0,% (zero vírgula dois por cento) ao dia, limitada a 0% (dez por cento), sobre o valor da Nota Fiscal/Fatura, pelo atraso na execução da manutenção preventiva, nos termos previstos no Anexo único; III 0,5% (zero vírgula cinco por cento) ao dia, limitada a 0% (dez por cento), sobre o valor da Nota Fiscal/Fatura, pela ausência de operador nas dependências do prédio do CONTRATANTE; e IV 0,% (zero vírgula dois por cento) ao dia, limitada a 0% (dez por cento), sobre o valor da Nota Fiscal/Fatura, pelo descumprimento de quaisquer prazos e/ou obrigações constantes das cláusulas segunda, terceira, quarta, quinta, sétima, décima sexta e Anexo único deste contrato, independentemente de outras multas aplicadas. CTV climatização_torre_i_tj 6/5 ene

7 Processo n º As multas previstas no parágrafo anterior, conforme o caso, serão deduzidas do pagamento da Nota Fiscal/Fatura ou recolhidas mediante NOTIFICAÇÃO DE COBRANÇA; neste caso, o CONTRATANTE encaminhará, no primeiro dia útil após vencidos os prazos estipulados neste contrato, NOTIFICAÇÃO DE COBRANÇA à CONTRATADA, deverá fazer o recolhimento aos cofres públicos até o 5º (quinto) dia útil, a partir de seu recebimento, sob pena de cobrança judicial. Observados: I as multas previstas no parágrafo anterior são cumulativas, ou seja, umas sobre as outras, sendo os limites incidentes sobre cada uma delas; e II na hipótese de a CONTRATADA não efetuar o recolhimento da NOTIFICAÇÃO DE COBRANÇA, o CONTRATANTE inscreverá o valor em dívida ativa. 4º A penalidade de SUSPENSÃO TEMPORÁRIA DE PARTICIPAR EM LICITAÇÕES E IMPEDIMENTO DE CONTRATAR COM A ADMINISTRAÇÃO será aplicada à CONTRATADA quando: I fizer declaração falsa; II deixar de entregar documentação ou apresentar documentação falsa; III ensejar o retardamento da execução do objeto; IV não mantiver a proposta; V falhar injustificadamente ou fraudar a execução do contrato; VI comportar-se de modo inidôneo ou cometer fraude fiscal; VII prestar os serviços em desconformidade com o especificado; VIII não refazer, no prazo estipulado, o objeto do contrato recusado pelo CONTRATANTE; ou IX descumprir os prazos e as condições previstas neste contrato. 5º A punição definida no parágrafo anterior será por até (dois) anos. 6º A penalidade de DECLARAÇÃO DE INIDONEIDADE PARA LICITAR E CONTRATAR COM A ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA será aplicada nos casos em que o CONTRATANTE, após análise dos fatos, constatar que a CONTRATADA praticou falta grave. 7º A punição definida no parágrafo anterior perdurará enquanto houver os motivos determinantes da punição ou até que seja promovida a reabilitação perante a própria autoridade que aplicou a penalidade, que será concedida sempre que a CONTRATADA ressarcir o CONTRATANTE pelos prejuízos resultantes e após decorrido o prazo não superior a (dois) anos previsto no inciso IV do art. 87 da Lei n /993. 8º As penalidades acima poderão ser aplicadas isolada ou cumulativamente, nos termos do art. 87 da Lei n /993. 9º Na aplicação das penalidades acima serão admitidos os recursos previstos em lei, observando-se o contraditório e a ampla defesa. 0. Ocorrendo caso fortuito ou força maior, regularmente comprovado e aceito pelo CONTRATANTE, a CONTRATADA ficará isenta das penalidades.. Além das penalidades acima citadas, a CONTRATADA ficará sujeita ao cancelamento de sua inscrição no Cadastro de Fornecedores do CONTRATANTE. DA INEXECUÇÃO E DA RESCISÃO Cláusula décima segunda. A inexecução total ou parcial do contrato enseja a sua rescisão com as conseqüências contratuais e as previstas em lei, com fulcro no Capítulo III, Seção V, da Lei n /993, nos seguintes modos: I por ato unilateral e escrito do CONTRATANTE, nos casos enumerados nos incisos I a XII e XVII do art. 78 da Lei n /993; CTV climatização_torre_i_tj 7/5 ene

8 Processo n II amigavelmente, por acordo das partes, mediante formalização de aviso prévio com antecedência mínima de 30 (trinta) dias, reduzida a termo no processo, desde que haja conveniência para o CONTRATANTE; ou III judicialmente, nos termos da legislação vigente. º O descumprimento, por parte da CONTRATADA, de suas obrigações legais e/ou contratuais, assegura ao CONTRATANTE o direito de rescindir o contrato a qualquer tempo, independentemente de aviso, interpelação judicial e/ou extrajudicial. º A rescisão do contrato, com base no inciso I desta cláusula, sujeita a CONTRATADA à multa rescisória de 0% (dez por cento) sobre o saldo atualizado do contrato existente na data da rescisão, independentemente de outras sanções aplicadas. DA LEGISLAÇÃO APLICÁVEL E DOS CASOS OMISSOS Cláusula décima terceira. Este contrato rege-se pelas disposições expressas na Lei n /993 e pelos preceitos de direito público, aplicando-se-lhe, supletivamente, os princípios da teoria geral dos contratos e das disposições de direito privado. Parágrafo único. Os casos omissos serão resolvidos à luz da referida lei, recorrendo-se à analogia, aos costumes e aos princípios gerais do direito. DOS ENCARGOS Cláusula décima quarta. As despesas decorrentes de encargos trabalhistas, previdenciários, fiscais e comerciais, resultantes da execução deste contrato ficarão a cargo da CONTRATADA, bem como a correta aplicação da legislação atinente à segurança, higiene e medicina do trabalho. DA ALTERAÇÃO DO CONTRATO Cláusula décima quinta. A alteração de quaisquer das disposições estabelecidas neste contrato somente se reputará válida se tomada nos termos da lei e expressamente em termo aditivo, que a este contrato se aderirá. DOS PRAZOS Cláusula décima sexta. Este contrato terá os seguintes prazos: I DE VIGÊNCIA: da data de sua assinatura até 3 de dezembro de 00, podendo ser prorrogado, nos termos do art. 57, II, da Lei n /993, mediante termo aditivo, se houver interesse do CONTRATANTE; II DE ATENDIMENTO ÀS CHAMADAS DO CONTRATANTE PARA REALIZAÇÃO DA MANUTENÇÃO CORRETIVA: máximo de (uma) hora após a abertura do chamado; III DE APRESENTAÇÃO DA ART DO ENGENHEIRO MECÂNICO, RESPONSÁVEL PELOS SERVIÇOS: máximo de 30 (trinta) dias, contados da assinatura deste contrato, ficando adstrita à liberação do primeiro pagamento; IV DE SUBSTITUIÇÃO DE EMPREGADO OU PREPOSTO DA CONTRATADA: máximo de 4 (vinte e quatro) horas, a partir da solicitação da Diretoria de Engenharia e Arquitetura; e V DE REPOSIÇÃO DO OPERADOR FALTANTE: até (uma) hora após a comunicação do fato à CONTRATADA, por intermédio da solicitação da Diretoria de Engenharia e Arquitetura; e CTV climatização_torre_i_tj 8/5 ene

9 Processo n VI DE GARANTIA DE PEÇAS E SERVIÇOS: mínimo de (um) ano, a partir do aceite na Nota Fiscal/Fatura; e VII DE APRESENTAÇÃO DA ANÁLISE DA QUALIDADE DO AR: a cada 6 (seis) meses, no transcorrer do prazo contratual. DO FORO Cláusula décima sétima. Fica eleito o Foro da comarca da Capital, com renúncia expressa de qualquer outro, por mais privilegiado que seja, para nele serem dirimidas dúvidas e questões oriundas deste contrato. E, por estarem acordes, as partes assinam este contrato em (duas) vias de igual forma e teor. Florianópolis, 5 de junho de 00. ESTADO DE SANTA CATARINA - PODER JUDICIÁRIO SÉRGIO GALLIZA DIRETOR-GERAL ADMINISTRATIVO TECNOLÓGICA CONFORTO AMBIENTAL LTDA. NADIR RODRIGUES ZANLUCA SÓCIA-ADMINISTRADORA CTV climatização_torre_i_tj 9/5 ene

10 Processo n ANEXO ÚNICO. Relação dos serviços de MANUTENÇÃO PREVENTIVA que serão realizadas mensalmente, trimestralmente, semestralmente e anualmente. A.VERIFICAÇÃO MENSAL Reaperto de porca e parafusos de fixação Limpeza gabinetes das unidades(interna/externa) Limpeza filtros de ar de retorno Limpeza filtros da tomada de ar externo Limpeza drenos Limpeza bandejas Verificação e eliminação das frestas dos filtros Verificação e correção dos vazamentos nas ligações (ar e água) Verificação e correção dos isolamentos elétricos dos equipamentos Verificação e correção dos isolamentos térmicos (inspeção visual) Verificação e eliminação das obstruções no retorno e tomada de ar externo Verificação e eliminação de sujeira, odores desagraveis, fontes de ruídos, infiltrações, armazenagem de produtos químicos, fontes de radiação de calor excessivo, e fontes de geração de microorganismos Verificação e correção de vedações ausentes. Verificação e correção da existência de vibração e ruídos anormais. Verificação de anormalidades nos quadros elétricos e quadros de acionamento e automação como: Painéis de comando micro-processado Banco de capacitores Atuação de válvulas eletrônicas Atuação do variador de freqüência Programação do CLP Chaves de acionamentos Chaves de comutação Contatores Relés de proteção Atuação de relés temporizadores Fusíveis de comando e de força Bornes e disjuntores Sinalizadores Verificação visual de prováveis pontos de fuga de fluído refrigerantes nos circuitos Verificação e correção de vazamentos de água Verificação e ajuste de correias e polias Verificação do sistema de umidificação Verificação de sensores de controle Medição de tensão de alimentação dos motores Medição de corrente dos motores Limpeza de trocadores de calor Limpeza de unidades condensação Limpeza de grelhas e dampers Demais itens da manutenção mensal B.VERIFICAÇÃO TRIMESTRAL CTV climatização_torre_i_tj 0/5 ene

11 Processo n C.VERIFICAÇÃO SEMESTRAL Atuação dos pressostatos de alta, baixa e óleo Atuação do controlador do damper de condensação Lubrificação dos mancais existentes Medição das pressões de trabalho Medição de temperatura de trabalho do equipamento Atuação dos instrumentos de controle como termostatos e umidostatos Fixação de eixos, polias, mancais e rolamentos Avaliação visual do estado geral da instalação Atuação da válvula de expansão e capilares Fixação do bulbo sensitivo da válvulas de expansão Filtros secadores Válvulas de bloqueio Válvulas de alívio de pressão Válvulas solenóide líquido Válvulas solenóide de capacidade Visores de líquido Medição da vazão e temperatura do ar de insuflamento e retorno Visores de óleo Atuação de plugs-fusíveis Verificação e tratamento dos pontos de ferrugens, tratamento anti-corrosivo e pinturas. Demais itens da manutenção mensal e trimestral D.VERIFICAÇÃO ANUAL Substituição dos filtros, se necessário Tratamento anti-corrosivo na estrutura dos equipamentos Medição da resistência de isolamento dos motores Correção e ajuste das válvulas de registro de vazão Demais itens da manutenção mensal, trimestral e semestral Observação: A CONTRATADA deverá fornecer mão-de-obra especializada de manutenção de forma adequada, equipamentos necessários para efetuar os serviços, bem como enquadrar as atividades prestadas de acordo com as normas vigentes de segurança do trabalho. Analise da Qualidade do Ar Além dos serviços acima relacionados a CONTRATADA deverá fazer análise de qualidade de ar, verificando 60 (sessenta) pontos de amostra de qualidade de ar, seguindo as orientações da Resolução n. 09/003 da ANVISA e normas técnicas inclusas, apresentando relatórios técnicos de acordo com a NBR 0.79 da Associação Brasileira de Normas Técnicas dos equipamentos individuais e equipamentos com dutos de alimentação de ar de insuflamento e renovação, a cada 6 (seis) meses. CTV climatização_torre_i_tj /5 ene

12 Processo n Relação dos equipamentos de climatização que atualmente estão instalados no prédio do Tribunal de Justiça (Torre I). DESCRIÇÃO TERREO Sistema Central tipo INVERTER com sistema Volume de Refrigerante Variável (VRV) Unidade condensadora do tipo INVERTER com sistema VRV/VRF, capacidade térmica nominal de Kcal, com ciclo reverso, refrigerante R com controlador eletrônico, alimentação elétrica 380V, modelo RAS - 6 FSG fabricação HITACHI. Unidades evaporadoras tipo HIGH WALL sistema VRV/VRF capacidade térmica nominal de.500 Kcal/h, alimentação elétrica 0V monofásico modelo RPK.0 FSGM fabricação HITACHI. Unidades evaporadoras tipo HIGH WALL sistema VRV/VRF capacidade térmica nominal de 3.50 Kcal/h, alimentação elétrica 0V, modelo RPK.5 FSGM fabricação HITACHI. Unidades evaporadoras HIGH WALL sistema VRV/VRF capacidade térmica nominal de Kcal/h, alimentação elétrica 0V monofásico modelo RPK.0 FSGM fabricação HITACHI. Unidades evaporadoras tipo CASSETE DE VIAS sistema VRV/VRF capacidade térmica nominal de Kcal/h, alimentação elétrica 0V monofásico modelo RCD.0 FSG + P-G3DWA fabricação HITACHI. Unidades evaporadoras tipo CASSETE DE 4 VIAS sistema VRV/VRF capacidade térmica nominal de Kcal/h, alimentação elétrica 0V monofásico modelo RCD.5 FSG4 + P-G3WA fabricação HITACHI. Unidades evaporadoras tipo CASSETE DE 4 VIAS sistema VRV/VRF capacidade térmica nominal de Kcal/h, alimentação elétrica 0V monofásico modelo RCD 4.0 FSG4 + P-G3WA fabricação HITACHI. Restaurante e Xerox Condicionador tipo Split capacidade térmica nominal de 5000 Kcal/h, modelo RAS 506CSR + RAC506A, alimentação elétrica 380V trifásico, com evaporador CEILLING fabricação HITACHI. Condicionadores tipo Bi-Split capacidade térmica nominal de Kcal/h, modelo RAS 506CSR + RAC506A, alimentação elétrica 380V trifásico, com 0 evaporadores CEILLING fabricação HITACHI. Exaustores Gabinete de ventilação horizontal instalação ao tempo com ventilador centrífugo de acionamento indireto, vazão m³/h, alimentação elétrica 380V trifásico fabricação REFRICON + redes de dutos e acessórios. Gabinete de ventilação horizontal com ventilador centrífugo de acionamento indireto, vazão m³/h, alimentação elétrica 380V trifásico fabricação REFRICON + redes de dutos e acessórios. Biblioteca Condicionador de ar central tipo roof top com condensação a ar integrada, capacidade de 0 TR, 380 V, com ciclo economizador, modelo D3CE0A5B, e rede de dutos, fabricação YORK. Hall da Recepção Condicionador de ar Split capacidade de BTU/h, evaporadora horizontal ambiente, tipo Underceiling, 380 V, modelo GST4-38L, fabricação GREE. Quantidade CTV climatização_torre_i_tj /5 ene

13 Processo n Condicionador de ar Split capacidade de TR, evaporadora horizontal ambiente, tipo Underceiling, 0 V, monofásico, composto de: unidade condensadora com ventilador axial, eixo vertical, modelo HRA04S06A e unidade evaporadora modelo MCC5A7, fabricação YORK. Mini split high-wall, marca Gree, capacidade BTU's/h com ciclo reverso e controle remoto. Diretoria Judiciária Arquivo Split modelo cassete, marca York, capacidade BTU s/h, ciclo reverso e controle remoto. Modelo:YHJA 36FS. Diretoria de Informática CPD Condicionador de ar central com condensação a ar remota, tipo Self Contained, capacidade de 0 TR, modelo RP 03 AL, com unidade condensadora modelo RCR 03 L, e um ventilador com capacidade de.500 m³/h, modelo AD 300/- OC, com rede de dutos e bacia de umidificação, fabricação HITACHI. Capela Condicionador de ar Split Vertical, capacidade de BTU/h, tipo torre, 380 V, modelo GSV60-L, marca GREE. Transporte Condicionador tipo Multi Split, capacidade: x x BTU/h, 0 V, modelo GSWT6-L, marca GREE. HS Condicionador de ar Split, capacidade de 5 TR, evaporadora horizontal, embutida, para duto, 380 V, composto de: módulo de ventilação modelo G3HC060S, módulo de evaporação modelo N4AHD0A06A e unidade condensadora com ventilador axial, eixo vertical, modelo HDB060S5A, e rede de dutos, fabricação YORK. Auditório Condicionador de ar central tipo Roof Top, condensação a ar integrada, capacidade de 5TR, 380 V, e rede de dutos, fabricação YORK. Museu Condicionador de ar Split, ciclo reverso, capacidade de TR, evaporadora horizontal tipo High Wall, 0 V, marca LG. Condicionador de ar Split, capacidade de BTU/h, tipo High Wall, 0 V, modelo GSW8-LA marca GREE. Espera do Auditório Condicionador Split, ciclo reverso, capacidade de 4 TR, evaporadora horizontal tipo Cassete, 380 V, marca HITACHI. Sala de Áudio e Vídeo Condicionador de ar Split, ciclo reverso, capacidade de BTU/h, ciclo reverso,evaporadora horizontal tipo High Wall, 0 V, fabricação HITACHI RAS3BH. Condicionador Split, ciclo reverso, capacidade de TR, evaporadora horizontal tipo Cassete, 0 V, marca HITACHI. Sala de Sessão Condicionador de ar Split, capacidade de 4 TR, evaporadora horizontal tipo Underceiling,380 V, fabricação YORK Split vertical, marca Gree GSV 4-R, capacidade BTU s/h, controle remoto. º ANDAR Mini split high-wall, marca York, capacidade.000 BTU's/h com ciclo reverso e CTV climatização_torre_i_tj 3/5 ene

14 Processo n Gabinetes:0,0,04,05,06,07 e 08. Mini split hig-wall, marca York, capacidade BTU s/h com ciclo reverso e 5 Gabinetes:0,04,05,06,07. º ANDAR Mini split high-wall, marca York, capacidade.000 BTU's/h com ciclo reverso e 7 Gabinetes: 0,0,04,05,06,07,08. Mini split high-wall, marca York, capacidade BTU s/h com ciclo reverso e Gabinetes: 5 0,04,05,06,07. 3º ANDAR Mini split high-wall, marca York, capacidade.000 BTU's/h com ciclo reverso e 7 Gabinetes: 30,30,304,305,306,307,308. Mini split high-wall, marca York, capacidade BTU s/h com ciclo reverso e Gabinetes: 5 30,304,305,306,307. 4º ANDAR Mini split high-wall, marca York, capacidade.000 BTU's/h com ciclo reverso e 7 Gabinetes: 40,40,404,405,406,407,408. Mini split high-wall, marca York, capacidade BTU s/h com ciclo reverso e Gabinetes: 5 40,404,405,406,407. 5º ANDAR Diretoria de Engenharia Mini split high-wall, marca Gree, capacidade.000 BTU's/h com ciclo reverso e controle remoto. Mini split high-wall, marca Gree, capacidade BTU's/h com ciclo reverso e controle remoto. Diretoria de Saúde Condicionador de ar Multi Split, capacidade de X BTU/h, High Wall, 0 V, modelo GSWD9-LA, fabricação GREE. Diretoria de Material e Patrimônio Mini split hig-wall, marca Gree, capacidade BTU s/h, controle remoto. Mini split cassete, marca Gree, capacidade BTU s/h, controle remoto. Mini split cassete, marca Gree, capacidade BTU s/h, controle remoto. 5Aº ANDAR Diretoria de Material e Patrimônio Condicionador de ar Multi Split, capacidade de X BTU/h, tipo High Wall, 0 V, modelo GSWD9-RA, ciclo reverso, marca GREE. Condicionador de ar Split, capacidade de BTU/h, tipo High Wall, 0 V, modelo GSW8-RA, ciclo reverso, marca GREE. 6º ANDAR Diretoria de Recursos Humanos Mini split hig-wall, marca Gree, capacidade BTU s/h, controle remoto. Mini split hig-wall, marca Gree, capacidade.000 BTU s/h, controle remoto. Condicionador de ar Multi Split, capacidade de X BTU/h, tipo High CTV climatização_torre_i_tj 4/5 ene

15 Processo n Wall, 0V, modelo GSWD9-RA, ciclo reverso, fabricação GREE. 7º ANDAR Mini split high-wall, marca York, capacidade.000 BTU's/h com ciclo reverso e 3 Recepção ASPLAN, Assessoria DGA, Sala de Reuniões DGJ. Mini split high-wall, marca York, capacidade BTU's/h com ciclo reverso e Recepção Ouvidoria Judicial. Mini split cassete, marca York, capacidade BTU s/h com ciclo reverso e controle remoto. Modelo: YKKA/YKJA4FS Sala de Reuniões ASPLAN, Sala Reuniões Ouvidoria Judicial, Recepção DGJ, Sala 4 do Conselho Gestor. Condicionador de ar Split, capacidade de BTU/h, tipo High Wall, 0 V, fabricação SPRINGER CARRIER Assessória Jurídica da Direção Geral Administrativo. 8º ANDAR Mini split hig-wall, marca Gree, capacidade BTU s/h, controle remoto. Mini split hig-wall, marca Gree, capacidade BTU s/h, controle remoto. 9º ANDAR Diretoria de Informática Mini split hig-wall, marca Gree GSW9-L/O, capacidade BTU s/h, controle remoto. Condicionador de ar Split, capacidade de BTU/h, tipo High Wall, 0 V, modelo GSW8-L/A, ciclo reverso, marca GREE. Split vertical, marca Gree GSV 48-L, capacidade BTU s/h, controle remoto. Split vertical, marca Gree GSV 4-R, capacidade BTU s/h, controle remoto. 0º ANDAR Condicionador de ar central com condensação a ar remota, tipo Self Contained, capacidade de 0 TR, modelo RP 03 AL, com unidade condensadora modelo RCR 03 L, e um ventilador com capacidade de.500 m³/h, modelo AD 300/- OC, com rede de dutos, fabricação HITACHI. º ANDAR Condicionador de ar tipo Multi Split, capacidade de x x BTU/h, 0 V,modelo GSWT6-L marca GREE. Condicionador de ar Split capacidade de TR, evaporadora horizontal ambiente, tipo Underceiling, 0 V,monofásico, composto de: unidade condensadora com ventilador axial, eixo vertical, modelo HRA04S06A e unidade evaporadora modelo MCC5A7, marca YORK. TOTAL DE EQUIPAMENTOS 35 CTV climatização_torre_i_tj 5/5 ene

CONTRATO N. 042/2011

CONTRATO N. 042/2011 CONTRATO N. 042/2011 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA TARSOTUR VIAGENS E

Leia mais

TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA EMPRESA ILHA SERVICE SERVIÇOS DE INFORMÁTICA LTDA.

TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA EMPRESA ILHA SERVICE SERVIÇOS DE INFORMÁTICA LTDA. CONTRATO N. 122/2007 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA ILHA SERVICE SERVIÇOS

Leia mais

TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EMPRESA EUAX CONSULTORIA EM PROJETOS E PROCESSOS LTDA.

TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EMPRESA EUAX CONSULTORIA EM PROJETOS E PROCESSOS LTDA. CONTRATO N. 39/2007 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA EUAX CONSULTORIA EM

Leia mais

EMPRESA AÇÃO INFORMÁTICA BRASIL LTDA.

EMPRESA AÇÃO INFORMÁTICA BRASIL LTDA. CONTRATO N. 147/2007 TERMO DE CONTRATO DE FORNECIMENTO QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA AÇÃO INFORMÁTICA BRASIL LTDA.

Leia mais

EMPRESA PAPELARIA PROGRESSO LTDA.

EMPRESA PAPELARIA PROGRESSO LTDA. CONTRATO N. 322/2006 TERMO DE CONTRATO DE FORNECIMENTO QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA PAPELARIA PROGRESSO LTDA. Pelo

Leia mais

CONTRATO N. 107/2008

CONTRATO N. 107/2008 CONTRATO N. 107/2008 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA VIRTUAL OFFICE COMÉRCIO

Leia mais

CONTRATO N. 191/2010

CONTRATO N. 191/2010 CONTRATO N. 191/2010 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR MEIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA BACK SERVIÇOS DE VIGILÂNCIA

Leia mais

CONTRATO N. 082/2011

CONTRATO N. 082/2011 CONTRATO N. 082/2011 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA THYSSENKRUPP ELEVADORES

Leia mais

LOGGOS DESENVOLVIMENTO E COMÉRCIO DE PRODUTOS PARA INFORMÁTICA LTDA.

LOGGOS DESENVOLVIMENTO E COMÉRCIO DE PRODUTOS PARA INFORMÁTICA LTDA. CONTRATO N. 63/2007 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA LOGGOS DESENVOLVIMENTO

Leia mais

CONTRATO N. 75/2005 ESTADO DE SANTA CATARINA PODER JUDICIÁRIO DIRETORIA DE MATERIAL E PATRIMÔNIO DIVISÃO DE CONTRATOS E CONVÊNIOS SEÇÃO DE ELABORAÇÃO

CONTRATO N. 75/2005 ESTADO DE SANTA CATARINA PODER JUDICIÁRIO DIRETORIA DE MATERIAL E PATRIMÔNIO DIVISÃO DE CONTRATOS E CONVÊNIOS SEÇÃO DE ELABORAÇÃO CONTRATO N. 75/2005 TERMO DE CONTRATO DE FORNECIMENTO QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA ESMENA DO BRASIL S/A. Pelo presente

Leia mais

CONTRATO N. 186/2005

CONTRATO N. 186/2005 CONTRATO N. 186/2005 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA LOGGOS DESENVOLVIMENTO

Leia mais

CONTRATO N. 99/2008 EMPRESA AÇÃO INFORMÁTICA BRASIL LTDA.

CONTRATO N. 99/2008 EMPRESA AÇÃO INFORMÁTICA BRASIL LTDA. CONTRATO N. 99/2008 TERMO DE CONTRATO DE FORNECIMENTO QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA AÇÃO INFORMÁTICA BRASIL LTDA.

Leia mais

CONTRATO N. 207/2007

CONTRATO N. 207/2007 CONTRATO N. 207/2007 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA SEPROL COMPUTADORES

Leia mais

CONTRATO N. 23/2008 EMPRESA ALARMES ALERTA SOLUÇÕES ELETRÔNICAS LTDA.

CONTRATO N. 23/2008 EMPRESA ALARMES ALERTA SOLUÇÕES ELETRÔNICAS LTDA. CONTRATO N. 23/2008 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR MEIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA ALARMES ALERTA SOLUÇÕES ELETRÔNICAS

Leia mais

EMPRESA TRANSPORTADORA DE BENS SANTA CATARINA LTDA.

EMPRESA TRANSPORTADORA DE BENS SANTA CATARINA LTDA. CONTRATO N. 018/2007 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA TRANSPORTADORA DE BENS

Leia mais

CONTRATO N. 78/2008 EMPRESA MARCOS HOFFMANN EPP.

CONTRATO N. 78/2008 EMPRESA MARCOS HOFFMANN EPP. CONTRATO N. 78/2008 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA MARCOS HOFFMANN EPP.

Leia mais

CONTRATO N. 167/2010

CONTRATO N. 167/2010 CONTRATO N. 167/2010 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR MEIO DO PODER JUDICIÁRIO - TRIBUNAL DE JUSTIÇA -, E A EMPRESA PROACTIVA MEIO AMBIENTE

Leia mais

CONTRATO N. 024/2010

CONTRATO N. 024/2010 CONTRATO N. 024/2010 TERMO DE CONTRATO DE EMPREITADA POR PREÇO GLOBAL QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA REBELLO & LACERDA

Leia mais

CONTRATO N. 36/2008 EMPRESA REIS RAMOS E CIA LTDA.

CONTRATO N. 36/2008 EMPRESA REIS RAMOS E CIA LTDA. CONTRATO N. 36/2008 TERMO DE CONTRATO DE FORNECIMENTO QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA REIS RAMOS E CIA LTDA. Pelo presente

Leia mais

CONTRATO N. 363/2007

CONTRATO N. 363/2007 CONTRATO N. 363/2007 TERMO DE CONTRATO DE FORNECIMENTO QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA TELTEC NETWORKS LTDA. Pelo presente

Leia mais

CONTRATO N. 149/2007 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR

CONTRATO N. 149/2007 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR CONTRATO N. 149/2007 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA TESSARO LTDA.. Pelo

Leia mais

CONTRATO N. 074/2011

CONTRATO N. 074/2011 CONTRATO N. 074/2011 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA CASTELMAR EMPREENDIMENTOS

Leia mais

CONTRATO N. 173/2005

CONTRATO N. 173/2005 CONTRATO N. 173/2005 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA UNIMED FLORIANÓPOLIS

Leia mais

CONTRATO N. 101/2010

CONTRATO N. 101/2010 CONTRATO N. 101/2010 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR MEIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA CONCEITUAL SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

Leia mais

ANEXO 7 CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO

ANEXO 7 CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO ANEXO 7 MINUTA DE CONTRATO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE LOCAÇÃO DE AUTOMÓVEL, QUE ENTRE SI CELEBRAM A FUNDAÇÃO UNIVERSITÁRIA DE DESENVOLVIMENTO DE EXTENSÃO E PESQUISA FUNDEPES E A EMPRESA, NA FORMA ABAIXO:

Leia mais

ANEXO V MINUTA DO CONTRATO

ANEXO V MINUTA DO CONTRATO ANEXO V MINUTA DO CONTRATO Unidade Administrativa: Processo Administrativo: Contrato Nº CONTRATO QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICIPIO DE JARDIM E A EMPRESA... O MUNICÍPIO DE JARDIM, Estado do Ceará, Pessoa

Leia mais

CONTRATO N. 308/2007

CONTRATO N. 308/2007 CONTRATO N. 308/2007 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A BRASIL TELECOM S.A. Pelo presente

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPINAS

PREFEITURA MUNICIPAL DE CAMPINAS TERMO DE CONTRATO Nº 154/08 Processo Administrativo nº 08/10/53.408 Interessado: Secretaria Municipal de Cooperação nos Assuntos de Segurança Pública Modalidade: Amil nº 1342 O MUNICÍPIO DE CAMPINAS, inscrito

Leia mais

ANEXO VI TOMADA DE PREÇOS Nº 002/2015 MINUTA DO CONTRATO

ANEXO VI TOMADA DE PREÇOS Nº 002/2015 MINUTA DO CONTRATO ANEXO VI TOMADA DE PREÇOS Nº 002/2015 MINUTA DO CONTRATO CONSELHO DE ARQUITETURA E URBANISMO DE SANTA CATARINA, autarquia federal de fiscalização profissional regida pela Lei n 12.378, de 31 de dezembro

Leia mais

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina CONTRATO N. 100/2007 Contrato para prestação de serviços de manutenção preventiva de dutos e grelhas de centrais de ar condicionado, autorizado pelo Senhor

Leia mais

MUNICÍPIO DE CACHOEIRA ALTA,

MUNICÍPIO DE CACHOEIRA ALTA, CONTRATO ADM Nº 084/2013 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE LINK DEDICADO DE INTERNET QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE CACHOEIRA ALTA, ESTADO DE GOIÁS E TELECOMUNICAÇÕES ALARCÃO E FERNANDES LTDA

Leia mais

MODELO CONTRATO DE AQUISIÇÃO DE ALIMENTOS DA AGRICULTURA FAMILIAR

MODELO CONTRATO DE AQUISIÇÃO DE ALIMENTOS DA AGRICULTURA FAMILIAR MODELO CONTRATO N.º /20 CONTRATO DE AQUISIÇÃO DE ALIMENTOS DA AGRICULTURA FAMILIAR A (Órgão/Entidade Federal, Estadual ou Municipal), pessoa jurídica de direito público ou privado, com sede à Rua, n.º,

Leia mais

ANEXO IV MINUTA DE CONTRATO

ANEXO IV MINUTA DE CONTRATO ANEXO IV MINUTA DE CONTRATO CONTRATO Nº -2011, DE CONTRATAÇÃO DE EMPRESA DE ENGENHARIA PARA *********, QUE CELEBRAM ENTRE SI, O CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO PARANÁ E A EMPRESA. O CONSELHO REGIONAL

Leia mais

CONTRATO N. 195/2008

CONTRATO N. 195/2008 CONTRATO N. 195/2008 TERMO DE CONTRATO DE FORNECIMENTO QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA MECALUX DO BRASIL SISTEMAS DE

Leia mais

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA

ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA ANEO I TERMO DE REFERÊNCIA 1. DO OBJETO 1.1. Contratação de empresa especializada em manutenção preventiva e corretiva, com reposição de peças originais, sem ônus adicional para a CONTRATANTE, em aparelhos

Leia mais

CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº 053/2015

CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº 053/2015 1 CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº 053/2015 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE ARABUTÃ E A EMPRESA LIZ SERVIÇOS ONLINE LTDA. O MUNICÍPIO DE ARABUTÃ, pessoa jurídica

Leia mais

CONSTRUTORA E INCORPORADORA LTDA.

CONSTRUTORA E INCORPORADORA LTDA. CONTRATO N. 65/2007 TERMO DE CONTRATO DE EMPREITADA POR PREÇO GLOBAL QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA PRUMO CONSTRUTORA

Leia mais

CONTRATO 011/2010 DESCRIÇÃO DO MATERIAL/SERVIÇO

CONTRATO 011/2010 DESCRIÇÃO DO MATERIAL/SERVIÇO PROCESSO Nº 129710/2010 PREGÃO Nº 002/2010 UNIOESTE/CAMPUS DE TOLEDO CONTRATO 011/2010 CLÁUSULA PRIMEIRA OBJETO Contrato objetivando a seleção de propostas visando registro de preços de Serviços de Hospedagem

Leia mais

ESTADO DE GOIÁS PREFEITURA MUNICIPAL DE SENADOR CANEDO ADMINISTRAÇÃO 2009/2012 PETRÓLEO LTDA.

ESTADO DE GOIÁS PREFEITURA MUNICIPAL DE SENADOR CANEDO ADMINISTRAÇÃO 2009/2012 PETRÓLEO LTDA. 1 CONTRATO Nº. 516/2012 PM Contrato que entre si celebram a PREFEITURA MUNICIPAL DE SENADOR CANEDO, e a empresa PETROMAIS DISTRIBUIDORA DE PETRÓLEO LTDA. A, neste ato denominado CONTRATANTE, com sede na

Leia mais

CONTRATO N. 003/2011

CONTRATO N. 003/2011 CONTRATO N. 003/2011 TERMO DE CONTRATO DE FORNECIMENTO QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA FIAT AUTOMÓVEIS S/A. O ESTADO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Contrato nº 081/2007 Fls.

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Contrato nº 081/2007 Fls. Contrato nº 081/2007 Fls. 1 MINUTA TERMO DE CONTRATO Convite de Preços n.º 081/07 Processo n.º 11784/05 Objeto: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE DESCUPINIZAÇÃO DO PREDIO E ACERVO DO

Leia mais

ESTADO DO CEARÁ PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Comissão Permanente de Licitação

ESTADO DO CEARÁ PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Comissão Permanente de Licitação ESTADO DO CEARÁ PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA Comissão Permanente de Licitação CONTRATO DE FORNECIMENTO E ASSISTÊNCIA TÉCNICA QUE ENTRE SI CELEBRAM O TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO CEARÁ E A EMPRESA

Leia mais

ADEVAL BIKE PAPELARIA E BAZAR LTDA ME

ADEVAL BIKE PAPELARIA E BAZAR LTDA ME AQUISIÇÃO DE PRODUTOS DE ARTESANATO, PRODUTOS DE LIMPEZA, MATERIAL DIDATICO, MATERIAL PERMANENTE E GENEROS ALIMENTICIOS PARA ATENDIMENTO AOS PROGRAMAS DO DEPARTAMENTO DE ASSISTENCIA SOCIAL Contrato nº:

Leia mais

ANEXO III MINUTA DO CONTRATO MINUTA DO CONTRATO

ANEXO III MINUTA DO CONTRATO MINUTA DO CONTRATO ANEXO III MINUTA DO CONTRATO MINUTA DO CONTRATO TERMO DE CONTRATO QUE ENTRE SI O INSTITUTO FELIX GUATTARI, organização não governamental (ONG), declarada de utilidade pública estadual, devidamente inscrita

Leia mais

PODER LEGISLATIVO MUNICIPAL CÂMARA MUNICIPAL DE PALHOÇA SETOR DE COMPRAS E LICITAÇÃO

PODER LEGISLATIVO MUNICIPAL CÂMARA MUNICIPAL DE PALHOÇA SETOR DE COMPRAS E LICITAÇÃO TOMADA DE PREÇOS Nº 004/2012 CONTRATO Nº 12/2012 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE CELEBRAM A CÂMARA MUNICIPAL DE PALHOÇA, E A EMPRESA DATAVOX TELEINFORMÀTICA LTDA. A, doravante denominada CMP ou CONTRATANTE,

Leia mais

CONTRATO N. 52/2008 TERMO DE CONTRATO DE LOCAÇÃO QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL

CONTRATO N. 52/2008 TERMO DE CONTRATO DE LOCAÇÃO QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL CONTRATO N. 52/2008 TERMO DE CONTRATO DE LOCAÇÃO QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA ALMAQ EQUIPAMENTOS PARA ESCRITÓRIO

Leia mais

ANEXO I PREGÃO PRESENCIAL CRM-ES Nº XXX/2013. Anexo I - Termo De Referência

ANEXO I PREGÃO PRESENCIAL CRM-ES Nº XXX/2013. Anexo I - Termo De Referência ANEXO I PREGÃO PRESENCIAL CRM-ES Nº XXX/2013 Anexo I - Termo De Referência 1 - DO OBJETO 1.1 Aquisição de Papel A4 para o Conselho Regional de Medicina do Estado do Espírito Santo. 1.2 A empresa contratada

Leia mais

ANEXO V MINUTA DE CONTRATO CONTA BANCÁRIA REPRESENTANTE LEGAL MENSAL POR ( ) UNITÁRIO R$ DEMANDA INICIO: XX/XX/XXXX TÉRMINO: XX/XX/XXXX

ANEXO V MINUTA DE CONTRATO CONTA BANCÁRIA REPRESENTANTE LEGAL MENSAL POR ( ) UNITÁRIO R$ DEMANDA INICIO: XX/XX/XXXX TÉRMINO: XX/XX/XXXX ANEXO V MINUTA DE CONTRATO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATO Nº REF EDITAL Nº DATA PP217/2014 QUADRO 1 - CONTRATADA NOME END. SEDE CNPJ CONTA BANCÁRIA REPRESENTANTE LEGAL E-MAIL CPF QUADRO 2 -

Leia mais

CONTRATO N. 56/2009. Nível de Serviço: Atualização Tecnológica

CONTRATO N. 56/2009. Nível de Serviço: Atualização Tecnológica CONTRATO N. 56/2009 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA ORACLE DO BRASIL SISTEMAS

Leia mais

MINUTA DO CONTRATO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE MOTO - BOY

MINUTA DO CONTRATO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE MOTO - BOY 1 MINUTA DO CONTRATO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE MOTO - BOY O CONSELHO REGIONAL DE CONTABILIDADE DO ESTADO DE SÃO PAULO, Autarquia Federal criada pelo Decreto-Lei nº. 9.295, de 27.05.1946, CNPJ /MF nº.

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITAJUBÁ CREDENCIAMENTO Nº 001/09 PREÂMBULO

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITAJUBÁ CREDENCIAMENTO Nº 001/09 PREÂMBULO PREFEITURA MUNICIPAL DE ITAJUBÁ CREDENCIAMENTO Nº 001/09 CHAMAMENTO PÚBLICO PARA FINS DE CREDENCIAMENTO DE CLINICAS PARA TRATAMENTO DE DEPENDENTES QUIMICOS. PREÂMBULO A Prefeitura Municipal de Itajubá,

Leia mais

SERVIÇO AUTÔNOMO DE ÁGUA E ESGOTO SAAE

SERVIÇO AUTÔNOMO DE ÁGUA E ESGOTO SAAE CARTA CONTRATO N 008/2013 FIRMADO ENTRE O SERVIÇO AUTÔNOMO DE ÁGUA E ESGOTO SAAE e a empresa A F CASTELO BRANCO ME, objetivando a CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA SERVIÇO DE REBOBINAMENTO DE MOTORES ELÉTRICO.

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO DA UNIÃO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 18ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO DA UNIÃO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 18ª REGIÃO PODER JUDICIÁRIO DA UNIÃO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 18ª REGIÃO Endereço: Rua Avenida T-1, esq.com Rua Orestes Ribeiro (antiga T-52),Lotes 1, 2, 3, 23 e 24, Qd. T-22, Setor Bueno, Goiânia-GO. CNPJ

Leia mais

CLÁUSULA PRIMEIRA FUNDAMENTO LEGAL

CLÁUSULA PRIMEIRA FUNDAMENTO LEGAL CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº09/2015 Contrato celebrado entre a Câmara Municipal de São Simão e a Empresa CABOCLO MOVEIS E ELETRO LTDA- ME. CONTRATANTE: A CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO SIMÃO, pessoa jurídica de

Leia mais

CONTRATO Nº 095/2013 CONTRATO QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE PIRAJUÍ E A EMPRESA FORTIMIX COMÉRCIO DE CONCRETO LTDA.

CONTRATO Nº 095/2013 CONTRATO QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE PIRAJUÍ E A EMPRESA FORTIMIX COMÉRCIO DE CONCRETO LTDA. CONTRATO Nº 095/2013 CONTRATO QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE PIRAJUÍ E A EMPRESA FORTIMIX COMÉRCIO DE CONCRETO LTDA. Aos 03 dias do mês de julho de 2013, de um lado, o MUNICÍPIO DE PIRAJUÍ, pessoa

Leia mais

CONTRATO N. 139/2010

CONTRATO N. 139/2010 CONTRATO N. 139/2010 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA CAMBIRELA EMPREENDIMENTOS

Leia mais

S e r v i ç o A u t ô n o m o d e Á g u a e E s g o t o L i m o e i r o d o N o r t e - C e a r á

S e r v i ç o A u t ô n o m o d e Á g u a e E s g o t o L i m o e i r o d o N o r t e - C e a r á O SERVIÇO AUTONOMO DE AGUA E ESGOTO, neste ato denominado CONTRATANTE, com sede na AV. DOM AURELIANO MATOS, 1400, inscrito no CNPJ (MF) sob o nº 07.625.932/0001-79, representado pelo Sr. SERGIO MURILO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CHARQUEADAS Estado do Rio Grande do Sul

PREFEITURA MUNICIPAL DE CHARQUEADAS Estado do Rio Grande do Sul CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS Nº. _/2009 CONVITE Nº. 012/2009 PROCESSO Nº. 51030/2009 Contrato firmado entre o Município de Charqueadas e a empresa para a prestação de serviços de internet via rádio

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA PODER JUDICIÁRIO DIRETORIA DE MATERIAL E PATRIMÔNIO DIVISÃO DE CONTRATOS E CONVÊNIOS SEÇÃO DE ELABORAÇÃO

ESTADO DE SANTA CATARINA PODER JUDICIÁRIO DIRETORIA DE MATERIAL E PATRIMÔNIO DIVISÃO DE CONTRATOS E CONVÊNIOS SEÇÃO DE ELABORAÇÃO CONTRATO N. 069/2006 TERMO DE CONTRATO DE FORNECIMENTO QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA GERALDO STRECK GERENCIAMENTO

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE COLORADO ESTADO DO PARANA

PREFEITURA MUNICIPAL DE COLORADO ESTADO DO PARANA DISPENSA Nº: DP 012/2013 ÓRGÃO SOLICITANTE: SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO OBJETO: CONTRATAÇÃO EM CARACTER DE EMERGENCIA DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA SERVIÇOS DE TENTATIVA DE RECUPERAÇÃO DE DADOS

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE VICENTINÓPOLIS FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE FMS

PREFEITURA MUNICIPAL DE VICENTINÓPOLIS FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE FMS CONTRATO N 008/2015 PREFEITURA MUNICIPAL DE VICENTINÓPOLIS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM O O FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE E A EMPRESAMARANATHA RETIFICA DE MOTORES LTDA - ME, NA FORMA

Leia mais

CONTRATO N. 53/2006. 1/10 fcsp

CONTRATO N. 53/2006. 1/10 fcsp CONTRATO N. 53/2006 TERMO DE CONTRATO DE FORNECIMENTO QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA GERALDO STRECK GERENCIAMENTO

Leia mais

CONTRATO N. 127/2006 ESTADO DE SANTA CATARINA PODER JUDICIÁRIO DIRETORIA DE MATERIAL E PATRIMÔNIO DIVISÃO DE CONTRATOS E CONVÊNIOS SEÇÃO DE ELABORAÇÃO

CONTRATO N. 127/2006 ESTADO DE SANTA CATARINA PODER JUDICIÁRIO DIRETORIA DE MATERIAL E PATRIMÔNIO DIVISÃO DE CONTRATOS E CONVÊNIOS SEÇÃO DE ELABORAÇÃO CONTRATO N. 127/2006 TERMO DE CONTRATO DE FORNECIMENTO QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA GIROFLEX S/A. Pelo presente

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE TIMBAÚBA PE

PREFEITURA MUNICIPAL DE TIMBAÚBA PE CONTRATO DE LOCAÇÃO DE VEÍCULO CONTRATO Nº.../2013 CONTRATO DE LOCAÇÃO DE VEÍCULO QUE ENTRE SI CELEBRAM O MUNICÍPIO DE TIMBAÚBA, ATRAVÉS DA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO E A EMPRESA R. U. VERAS TRANSPORTES.

Leia mais

CONTRATO. NOME: FUNDAÇÃO TV MINAS CULTURAL E EDUCATIVA ENDEREÇO: Av. Nossa Senhora do Carmo, 931, Sion, Belo Horizonte CNPJ: 21.229.281.

CONTRATO. NOME: FUNDAÇÃO TV MINAS CULTURAL E EDUCATIVA ENDEREÇO: Av. Nossa Senhora do Carmo, 931, Sion, Belo Horizonte CNPJ: 21.229.281. CONTRATO CONTRATO PARA AQUISIÇÃO DE BOMBONAS E COMBUSTÍVEL ÓLEO DIESEL COM FORNECIMENTO PARCELADO, CELEBRADO COM DISPENSA DE LICITAÇÃO, NOS TERMOS DO ARTIGO 24, INCISO II, DA LEI FEDERAL Nº 8.666, DE 21-06-1993,

Leia mais

CONTRATO Nº 006/2014 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES

CONTRATO Nº 006/2014 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES CONTRATO Nº 006/2014 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE TELECOMUNICAÇÕES I PREÂMBULO Que entre si celebram a Fundação de Ensino Superior de Goiatuba e GINONET.COM.BR PROVEDORES DE ACESSO A REDES DE TELECOMUNICAÇÕES

Leia mais

Ministério da Justiça Conselho Administrativo de Defesa Econômica CADE

Ministério da Justiça Conselho Administrativo de Defesa Econômica CADE CONTRATO Nº 026/2011 PROCESSO Nº 08700.005080/2011-75 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE FORNECIMENTO, INSTALAÇÃO E MANUTENÇÃO DE PLACAS INDICATIVAS, QUE ENTRE SI CELEBRAM O CONSELHO ADMINISTRATIVO DE

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATO/UNIRG N. 015/2013 CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS Pelo presente instrumento particular, de um lado a, fundação pública com personalidade jurídica de direito público, com sede na av. Pará, 2432,

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SANTA CATARINA

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SANTA CATARINA CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO 003/2015 Manutenção de ar condicionado O CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DO ESTADO DE SANTA CATARINA COREN/SC, pessoa jurídica de direito público, inscrito no CNPJ nº 75.308.106/0001-56,

Leia mais

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina CONTRATO N. 033/2012 Contrato de prestação de serviço de manutenção do software Primavera, autorizado pelo Senhor Vilson R. Rezzadori, Secretário de Administração

Leia mais

CLÁUSULA PRIMEIRA - DO OBJETO

CLÁUSULA PRIMEIRA - DO OBJETO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PROCESSO N.º 14698-09.00/05-5 AJDG N.º 173/10 O ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, por intermédio da PROCURADORIA- GERAL DE JUSTIÇA, órgão administrativo do MINISTÉRIO PÚBLICO

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE SANTA CATARINA COORDENADORIA DE OPERAÇÕES ADMINISTRATIVAS PROCESSO Nº 579/06

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE SANTA CATARINA COORDENADORIA DE OPERAÇÕES ADMINISTRATIVAS PROCESSO Nº 579/06 PROCESSO Nº 579/06 CONTRATO Nº 005/MP-PGJ QUE CELEBRAM O MINISTÉRIO PÚBLICO DE SANTA CATARINA E EMPRESA DNA TECNOLOGIA LTDA., VISANDO A PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS ESPECIALIZADOS DE SUPORTE TÉCNICO AO SOFTWARE

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA

MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA CONTRATO DE COMPRA E VENDA PREGÃO ELETRÔNICO Nº 77/2013 PROCESSO N 3418-09.00/13-1 AJDG Nº 135/13 O ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, por intermédio da PROCURADORIA- GERAL DE JUSTIÇA, órgão administrativo do

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA

MINISTÉRIO PÚBLICO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PROCESSO N.º 1840-09.00/12-5 COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº 86/2012 AJDG N.º 88/2012 O ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, por intermédio da PROCURADORIA- GERAL DE JUSTIÇA, órgão administrativo

Leia mais

CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO

CLÁUSULA PRIMEIRA DO OBJETO ANEXO 7 MINUTA DE CONTRATO PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE LOCAÇÃO DE SALAS, QUE ENTRE SI CELEBRAM A FUNDAÇÃO UNIVERSITÁRIA DE DESENVOLVIMENTO DE EXTENSÃO E PESQUISA FUNDEPES E A EMPRESA, NA FORMA ABAIXO:

Leia mais

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina CONTRATO N. 065/2007 Contrato para prestação de serviços de manutenção preventiva do transformador da marca WEG, 500 (quinhentos) KVA, classe 15 (quinze) KV,

Leia mais

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina

Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina CONTRATO N. 079/2007 Contrato para prestação de serviços de guarda de veículo em garagem coberta, em período integral, autorizado pelo Senhor Eduardo Cardoso,

Leia mais

Minuta CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº.../2007

Minuta CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº.../2007 Minuta CONTRATO ADMINISTRATIVO Nº.../2007 CONTRATO DE AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTOS DE INFORMÁTICA, QUE ENTRE SI FAZEM A DE PRIMEIRO GRAU NO ESPÍRITO SANTO E A EMPRESA... PROCESSO Nº 5.694/07/2007 ADM A DE

Leia mais

MINUTA DO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

MINUTA DO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS MINUTA DO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONSÓRCIO INTERMUNICIPAL DO MÉDIO VALE DO ITAJAÍ - CIMVI, associação pública, inscrita no CNPJ nº 03.111.139/0001-09, com sede na Avenida Getúlio Vargas, n 700,

Leia mais

O presente contrato tem como objeto a contratação de empresa para a locação de

O presente contrato tem como objeto a contratação de empresa para a locação de Contrato nº 022/2015 para a locação de geradores, pelo período de 24 (vinte e quatro) meses, em conformidade com as especificações do Termo de Referência, Anexo I, que entre si fazem a COMPANHIA DE INFORMÁTICA

Leia mais

ESTADO DA BAHIA PREFEITURA MUNICIPAL DE NORDESTINA SETOR DE LICITAÇÕES

ESTADO DA BAHIA PREFEITURA MUNICIPAL DE NORDESTINA SETOR DE LICITAÇÕES ESTADO DA BAHIA PREFEITURA MUNICIPAL DE NORDESTINA SETOR DE LICITAÇÕES AUTORIZAÇÃO PARA ABERTURA DE PROCESSO ADMINISTRATIVO DE MOTIVAÇÃO DE DESPESAS SOLICITANTE Nº. de Processo Órgão Interessado: PREFEITURA

Leia mais

CONTRATO ADM Nº 054/2013 CONTRATO DE LOCAÇÃO DE SOFTWARES, QUE FAZEM A PREFEITURA MUNICIPAL DE CACHOEIRA ALTA GO E PUBLICAS SOLUÇÕES LTDA ME.

CONTRATO ADM Nº 054/2013 CONTRATO DE LOCAÇÃO DE SOFTWARES, QUE FAZEM A PREFEITURA MUNICIPAL DE CACHOEIRA ALTA GO E PUBLICAS SOLUÇÕES LTDA ME. CONTRATO ADM Nº 054/2013 CONTRATO DE LOCAÇÃO DE SOFTWARES, QUE FAZEM A PREFEITURA MUNICIPAL DE CACHOEIRA ALTA GO E PUBLICAS SOLUÇÕES LTDA ME. Pelo presente instrumento particular de contrato que celebram

Leia mais

CONTRATO N 02 / 2014

CONTRATO N 02 / 2014 CONTRATO N 02 / 2014 CONTRATANTE: CONTRATADA: RICARDO GABRIEL DE PAULA Pelo presente instrumento de Contrato, de um lado, a, Estado do Paraná, inscrita no CNPJ sob o nº. 77.780.245/0001-03, com sede à

Leia mais

CONTRATO ADMINISTRATIVO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSESSORIA E CONSULTORIA EM PROJETOS N. 044/2014 Pregão Presencial nº.

CONTRATO ADMINISTRATIVO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSESSORIA E CONSULTORIA EM PROJETOS N. 044/2014 Pregão Presencial nº. I PARTES: CONTRATO ADMINISTRATIVO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSESSORIA E CONSULTORIA EM PROJETOS N. 044/2014 Pregão Presencial nº. 004/2014 A CONTRATANTE: O MUNICÍPIO DE TAQUARUÇU DO SUL, Pessoa Jurídica

Leia mais

CONTRATO DE COMPRA E VENDA PREGÃO ELETRÔNICO Nº 30/2014 PROCESSO N 1341-09.00/14-3

CONTRATO DE COMPRA E VENDA PREGÃO ELETRÔNICO Nº 30/2014 PROCESSO N 1341-09.00/14-3 CONTRATO DE COMPRA E VENDA PREGÃO ELETRÔNICO Nº 30/2014 PROCESSO N 1341-09.00/14-3 Contrato AJDG Nº 74/14 O ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, por intermédio da, órgão administrativo do MINISTÉRIO PÚBLICO, inscrito

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DOS CAMPOS

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DOS CAMPOS PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DOS CAMPOS SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO ADMINISTRATIVO FINANCEIRO ANEXO III MINUTA DO CONTRATO Programa Nacional de Alimentação Escolar PNAE CONTRATO N.º /2013 CHAMADA

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA

MINISTÉRIO PÚBLICO DO RIO GRANDE DO SUL PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS PREGÃO ELETRÔNICO Nº 66/2013 PROCESSO N.º 2882-09.00/13-3 Contrato AJDG N.º 107/2013 O ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, por intermédio da PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA, órgão

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA MUNICIPIO DE XAXIM Rua Rui Barbosa n. 347 Fone: 3353-8200 CEP: 89825-000 XAXIM CNPJ: 82.854.670/0001-30

ESTADO DE SANTA CATARINA MUNICIPIO DE XAXIM Rua Rui Barbosa n. 347 Fone: 3353-8200 CEP: 89825-000 XAXIM CNPJ: 82.854.670/0001-30 CONTRATO N. 033/2014 CELEBRADO ENTRE O MUNICÍPIO DE XAXIM/FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE E A EMPRESA DENTAL GORGES LTDA- EPP. O Município de XAXIM, Através do Fundo Municipal da Saúde, com inscrição no CNPM/MF

Leia mais

PROCESSO Nº 600230/2010 FAMS CONTRATO Nº 028/2010

PROCESSO Nº 600230/2010 FAMS CONTRATO Nº 028/2010 PROCESSO Nº 600230/2010 FAMS CONTRATO Nº 028/2010 Contrato que celebram entre si a Fundação Arquivo e Memória de Santos e M. Felipe de Paiva - ME para serviços para montagem de infra-estrutura elétrica

Leia mais

MUNICÍPIO DE CÓRREGO DO BOM JESUS ADMINISTRAÇÃO 2013 2016

MUNICÍPIO DE CÓRREGO DO BOM JESUS ADMINISTRAÇÃO 2013 2016 CONTRATO Nº 038/2014 MUNICÍPIO DE CÓRREGO DO BOM JESUS O MUNICÍPIO DE CÓRREGO DO BOM JESUS, Estado de Minas Gerais, pessoa jurídica de direito público, inscrita no CNPJ/MF sob o nº 18.677.633/0001-02,

Leia mais

CONTRATO N. 368/2005

CONTRATO N. 368/2005 CONTRATO N. 368/2005 TERMO DE CONTRATO DE FORNECIMENTO QUE ENTRE SI CELEBRAM O ESTADO DE SANTA CATARINA, POR INTERMÉDIO DO PODER JUDICIÁRIO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, E A EMPRESA ELOSOFT INFORMÁTICA LTDA. Pelo

Leia mais

Parágrafo Primeiro Os serviços a serem prestados atenderão as modalidades de: MANUTENÇÃO DA REDE DE TELEFONIA.

Parágrafo Primeiro Os serviços a serem prestados atenderão as modalidades de: MANUTENÇÃO DA REDE DE TELEFONIA. CONTRATO DE SERVIÇO DE MANUTENÇÃO EM TELEFONIA QUE CELEBRAM ENTRE SI, O CONSELHO REGIONAL DE FARMÁCIA DO ESTADO DE SANTA CATARINA E A EMPRESA GMK NET COM LEANDRO DIAS CICHOCKI. O Conselho Regional de Farmácia

Leia mais

INSTITUTO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE DOS SERVIDORES PÚBLICOS DE SENADOR CANEDO ESTADO DE GOIÁS PREFEITURA MUNICIPAL DE SENADOR CANEDO ANEXO VI

INSTITUTO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE DOS SERVIDORES PÚBLICOS DE SENADOR CANEDO ESTADO DE GOIÁS PREFEITURA MUNICIPAL DE SENADOR CANEDO ANEXO VI ANEXO VI 1 MINUTA DO CONTRATO Nº 000/2015 DAS PARTES: CONTRATO DE CREDENCIAMENTOPARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EM ODONTOLOGIA CELEBRADO ENTRE O INSTITUTO DE ASSISTÊNCIA A SAÚDE DO SERVIDOR PÚBLICO DE SENADOR

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATO Nº. 85/2013 M.C.A. CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS REF.: Dispensa por Justificativa nº. 5/2013 - M.C.A. Contrato de Prestação de Serviços que entre si celebram o MUNICÍPIO DE CÉU AZUL e a Empresa

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Contrato nº /05

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Contrato nº /05 MINUTA 1 TERMO DE CONTRATO Tomada de Preços nº 010/05 Processo nº 10.091/05 Contratante: Prefeitura Municipal de Franca Contratada: Valor: R$ ( ) OBJETO: CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA EM TRANSPORTE

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CPS-0023/2015 CONTRATO PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE ENTRE SI CELEBRAM, DE UM LADO, O CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DE MINAS GERAIS CREA-MG, COM SEDE EM BELO

Leia mais

EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 03/2014

EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 03/2014 EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA Nº 03/2014 O Município de Vale do Sol, RS, através do Prefeito Municipal. Sr. Clécio Halmenschlager, comunica aos interessados que está procedendo ao CREDENCIAMENTO de pessoas

Leia mais

CONTRATO Nº 12/2015 1. CLÁUSULA PRIMEIRA OBJETO

CONTRATO Nº 12/2015 1. CLÁUSULA PRIMEIRA OBJETO CONTRATO Nº 12/2015 TERMO DE CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS Nº 12/2015, QUE FAZEM ENTRE SI A UNIÃO, POR INTERMÉDIO DO CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SERGIPE (COREN/SE) E A EMPRESA MBK COMÉRCIO E

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA. 1.2 A proposta deverá ser elaborada, por lote, com base no Anexo I Relação de Ar Condicionado.

TERMO DE REFERÊNCIA. 1.2 A proposta deverá ser elaborada, por lote, com base no Anexo I Relação de Ar Condicionado. ANEXO II TERMO DE REFERÊNCIA 1 DO OBJETO DA LICITAÇÃO 1.1 A presente licitação, na modalidade PREGÃO PRESENCIAL, do tipo MENOR POR LOTE, destina-se a na CONTRATAÇÃO DE EMPRESA ESPECIALIZADA PARA MANUTENÇÃO

Leia mais