Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005 Relatório Preliminar da Unidade Técnica ainda sem Manifestação do Ministro Relator

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005 Relatório Preliminar da Unidade Técnica ainda sem Manifestação do Ministro Relator"

Transcrição

1 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005 Relatório Preliminar da Unidade Técnica ainda sem Manifestação do Ministro Relator IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 9186/ Ano Orçamento: 2005 UF: SP Nome do PT: Ações de Reestruturação Urbana, interligação de áreas urbanas e adequação de vias - conclusão das obras do complexo viário do Rio Baquirivu - Guarulhos - SP Nº do PT: UO: Secretaria Especial de Desenvolvimento Urbano Tipo de Obra: Infra-Estrutura Urbana Obra bloqueada na LOA deste ano: Sim Importância Socioeconômica: A implantação do Complexo Viário do Rio Baquirivu beneficiará, além da população do município, os usuários do Aeroporto Internacional de Cumbica, aeroporto de maior movimento no país. A obra proporcionará a interligação do complexo aeroportuário com o Hospital Geral do Estado em Guarulhos; a melhoria do acesso da população a esse hospital; a criação de acesso a diversos bairros localizados nas imediações do aeroporto; a melhoria do acesso ao Terminal de Abastecimento Geral de Guarulhos (TAG), pólo industrial do município; a criação de acesso ao Anel Viário Metropolitano, em construção, e a melhoria do escoamento das águas do Rio Baquirivu, eliminando-se as freqüentes enchentes que provocam perdas materiais e deterioração das condições de higiene e saúde da população. As dotações orçamentárias para a execução da obra foram incluídas no Orçamento da União a partir de 1998: 1998: PT Ministério do Meio Ambiente, dos Recursos Hídricos e da Amazônia Legal. 1999: PT Secretaria de Estado de Desenvolvimento Urbano. 2000: PT Ministério da Integração Nacional. 2001: PT Secretaria de Estado de Desenvolvimento Urbano (Contratos de repasse nºs /2001/SEDU/CAIXA e /2001/SEDU/CAIXA). 2002: PT e PT , ambos vinculados à SEDU/CAIXA 2003: PT : PT A obra está relacionada no Anexo VIII da LOA/ : A obra encontra-se relacionada no Anexo VI da LOA/2005.

2 O Processo nº /2003-6, onde estão sendo apreciadas as irregularidades apontadas, se encontra no Gabinete do Relator da LUJ 02 com propostas de: conversão em TCE e aplicação de multa aos responsáveis e citação.

3 DADOS CADASTRAIS Projeto Básico Informações Gerais Projeto(s) Básico(s) abrange(m) toda obra? Exige licença ambiental? Possui licença ambiental? Está sujeita ao EIA (Estudo de Impacto Ambiental)? Foram observadas divergências significativas entre o projeto básico/executivo e a construção, gerando prejuízo técnico ou financeiro ao empreendimento? Sim /Não Sim Sim Sim Não Não Projeto Básico nº 1 Data Elaboração: 01/12/1997 Custo da obra: R$ ,40 Data Base: 15/07/1997 Objeto: Construção de 2 pistas marginais de 4Km, 2 pontes de transposição, 2 viadutos de ligação, 2 pontes, 1 avenida com extensão de 1Km e 1 avenida com 400m, dispositivos de acesso às pontes e viadutos. Em 2005 houve novo parecer do Secretaria de Estado do Meio Ambiente/SP, DEPRN e DAIA com Termo de Compromisso de Recuperação Ambiental e Autorização dos Órgãos Ambientais. A nova licença ambiental tem validade até 02 de março de Não houve necessidade de EIA, conforme definido na resolução CONAMA 237/ 97. Foram efetuados 98% de plantio de mudas de árvores nativas, previstas no Termo de Compromisso de Recuperação Ambiental, firmado entre o DEPRN e o empreendedor.

4 DADOS CADASTRAIS Execução Física Dt. Vistoria: 14/06/2005 Percentual realizado: 93 Data do Início da Obra: 14/07/1999 Data Prevista para Conclusão: 31/12/2006 Situação na Data da Vistoria: Em andamento. Descrição da Execução Realizada até a Data da Vistoria: Terraplenagem: 98 %, Pavimentação:98 %, Canalização: 100 %, Galerias: 100 %, Pontilhão e Muros: 80 %, Sinalização: 98 %, Iluminação: 100 %, Batalhão PM: 100 % Já concluídos e abertos à circulação a Av. Perimetral na extensão de 1Km, a pista marginal Norte, a pista marginal Sul, as pontes de transposição sobre o rio Baquirivu, um viaduto de ligação entre o Parque Cecap e o Aeroporto de Cumbica e alguns dispositivos de acesso às pontes e viaduto. Faltam executar, no trecho do Terminal de Cargas, dois viadutos e duas pontes sobre o rio, muros de contenção e serviços de pavimentação. Execução Financeira/Orçamentária Primeira Dotação: 01/01/1998 Valor estimado para conclusão: R$ ,76 Desembolso Origem Ano Valor Orçado Valor Liquidado Créditos Autorizados Moeda União ,00 0,00 0,00 Real União ,00 0,00 0,00 Real União ,00 0,00 0,00 Real União , , ,00 Real União , , ,00 Real União , , ,00 Real União , , ,00 Real União , , ,00 Real

5 Origem Ano Valor Orçado Valor Liquidado Créditos Autorizados Moeda Estado , , ,61 Real Município , , ,00 Real Município , , ,59 Real Município ,00 0, ,00 Real Município , , ,00 Real Município , , ,00 Real Município , , ,00 Real Município , , ,00 Real Município ,00 0, ,00 Real Em 2003, a dotação orçametária total foi cancelada. Em 2004 e 2005, não houve dotação orçamentária em decorrência das irregularidades que estão sendo tratadas no TC nº / O valor estimado para a conclusão refere-se a preços de jun/99. Desse valor, R$ ,18 são referentes à medições protocoladas e ainda não aprovadas pela PMG.

6 DADOS CADASTRAIS Contratos Principais No. Contrato: 039/99 Objeto do Contrato: Execução das obras civis de implantação do Sistema Viário Marginal Baquirivu, inclusive obras de arte e serviços complementares. Data da Assinatura: 30/06/1999 Mod. Licitação: CONCORRÊNCIA SIASG: -- CNPJ Contratada: / Razão Social: CONSTRUTORA OAS LTDA CNPJ Contratante: / Razão Social: Prefeitura Municipal de Guarulhos - SP Situação Inicial Situação Atual Vigência: 14/07/1999 a 30/12/2001 Vigência: 14/07/1999 a 08/12/2006 Valor: R$ ,32 Valor: R$ ,30 Data-Base: 15/03/1998 Data-Base: 15/06/1999 Volume do Serviço: Volume do Serviço: Custo Unitário: 0,00 R$ Custo Unitário: 0,00 R$ Nº/Data Aditivo Atual: 033/05 14/02/2005 Situação do Contrato: Em andamento. Data da Rescisão: Alterações do Objeto: Houve alterações formalizadas por meio dos 8º, 9º e 10º termos aditivos. Valor total liquidado é de R$ ,54, restando um Saldo Contratual para que se conclua a obra no valor de R$ ,76(Data Base Junho/ 99). Contratos de Repasse da SEDU/CEF em andamento: /01, / /02 e /02 Ausência de registro no Sistema Integrado de Administração de Serviços Gerais -Siasg.

7 DADOS CADASTRAIS Convênios Nº do SIAFI: SEM NÚMERO Objeto: Obras de reestruturação urbana na marginal do Rio Baquirivu em Guarulhos/SP, Programa PRO INFRA Data Assinatura: 29/12/1999 Vigência Atual: 29/12/1999 a 31/08/2002 Data Rescisão/Suspensão: Situação Atual: Concluído. Concedente: / CAIXA ECONÔMICA FEDERAL - MF Convenente: / Prefeitura Municipal de Guarulhos - SP Valor atual: ,00 Contrato de Repasse /99 SEDU/PR/Caixa PT O Contrato de Repasse nº /99, após aditamento em fevereiro de 2000, estabeleceu a transferência de recursos da ordem de R$ ,00, e a aplicação, a título de contrapartida, de R$ ,86 pelo Município. O objeto consistiu na execução das obras de terraplenagem do complexo viário, micro e macrodrenagem, implantação e pavimentação da pista Sul e execução de dois pontilhões de acesso (Ramos E e I), serviços que se convencionaram como primeira fase da obra. Não foi encontrado cadastro deste contrato no SIAFI. Nº do SIAFI: Objeto: Canalização do córrego Baquirivu-Guaçu, com extensão de 200 m. Data Assinatura: 30/12/1998 Vigência Atual: 04/01/1999 a 31/10/2000 Data Rescisão/Suspensão: Situação Atual: Concluído. Concedente: / SECRETARIA DE RECURSOS HÍDRICOS - MMA Convenente: / Prefeitura Municipal de Guarulhos - SP Valor atual: ,00 Processo MMa/MIR /98-76

8 PT Participação da União: R$ ,00 Contra-partida municipal: R$ , NE01212, de OB000296, de Convênio formalizado com o extinto Ministério do Meio Ambiente, dos Recursos Hídricos e da Amazônia Legal, posteriormente sub-rogado ao Ministério da Integração Nacional. Os recursos foram aplicados na construção de muro de contenção, de aproximadamente 200 m de extensão, no Rio Baquirivu. A prestação de contas foi aprovada pelo ente repassador. Nº do SIAFI: Objeto: Construção de obras de contenção de enchentes/ canalização do corrégo do Baquirivu Data Assinatura: 29/06/2000 Vigência Atual: 29/06/2000 a 29/11/2001 Data Rescisão/Suspensão: Situação Atual: Concluído. Concedente: MINISTÉRIO DA INTEGRAÇÃO NACIONAL (VINCULADOR) Convenente: / Prefeitura Municipal de Guarulhos - SP Valor atual: ,38 Convênio 198/2000, firmado entre a União, por meio do Ministério da Integração Nacional e o Município de Guarulhos. Processo nº / PT Participação da União: R$ , NE00839, de R$ ,00; 2000NE003454, de R$ , OB01888, de R$ ,00; 2001OB , de R$ ,00 O valor total de R$ ,38, inclui a contra-partida municipal de R$ ,38. Os recursos foram aplicados na obra de canalização do córrego do Taboão, afluente do rio Baquirivu, na execução de avenida marginal ao córrego e urbanização. A obra foi concluída, e foi emitido Termo de Recebimento Definitivo. Nº do SIAFI: Objeto: Conclusão da superestrutura do Viaduto monteiro Lobato(obra iniciada com recursos da Prefeitura) e e execução da cabaceira do viaduto compreendendo o Ramo B e a pista oeste da Av Monteiro Lobato. Data Assinatura: 31/12/2001 Vigência Atual: 31/12/2001 a 31/12/2004

9 Data Rescisão/Suspensão: Situação Atual: Em andamento. Concedente: / CAIXA ECONÔMICA FEDERAL - MF Convenente: / Prefeitura Municipal de Guarulhos - SP Valor atual: ,83 Contrato de Repasse n /01/SEDU/CAIXA, encontra-se na 3ª prorrogação até 31/12/04. Estamos considerando o convênio na situação : "em andamento", porque existem saldos a serem repassados pela CEF à Prefeitura de Guarulhos. Nº do SIAFI: Objeto: Execução de serviços de terraplenagem da Alameda das Papoulas (interligação da Av. Monteiro Lobato com o Complexo Viário do Rio Baquirivu) e exeçução de muro de contenção na margem sul do Rio Baquirivu com extensão de 170 m. Data Assinatura: 31/12/2001 Vigência Atual: 31/12/2001 a 31/12/2004 Data Rescisão/Suspensão: Situação Atual: Em andamento. Concedente: / CAIXA ECONÔMICA FEDERAL - MF Convenente: / Prefeitura Municipal de Guarulhos - SP Valor atual: ,00 Contrato de Repasse n /2001/SEDU/CAIXA, encontra-se na 3ª Prorrogação. Estamos considerando o convênio na situação : "em andamento", porque existem saldos a serem repassados pela CEF à Prefeitura de Guarulhos. Nº do SIAFI: Objeto: Execução de ações de reestruturação urbana e interligação de áreas urbanas e de adequação de vias. Conclusão das obras do Complexo Viário da Marginal do Rio Baquirivu - Guarulhos - SP. Data Assinatura: 05/07/2002 Vigência Atual: 05/07/2002 a 31/12/2004 Data Rescisão/Suspensão: Situação Atual: Concluído. Concedente: / CAIXA ECONÔMICA FEDERAL - MF Convenente: / Prefeitura Municipal de Guarulhos - SP

10 Valor atual: ,53 Contrato de Repasse nº /2002. Prorrogado até 31/12/2004. Contrato Cancelado. Nº do SIAFI: Objeto: Serviços de pavimentação completa até a capa de concreto asfáltica na Pista Norte, movimento de terra até a greide final da Pista Norte e Ramo Q, incluindo a execução de 126m de aduelas para canalização do Córrego Cachoeirinha e a execução da Via Coletora Sul, recompondo todo o pavimento danificado existente, inclusive com troca de solo. Data Assinatura: 26/12/2002 Vigência Atual: 26/12/2002 a 31/07/2005 Data Rescisão/Suspensão: Situação Atual: Em andamento. Concedente: / CAIXA ECONÔMICA FEDERAL - MF Convenente: / Prefeitura Municipal de Guarulhos - SP Valor atual: ,00 Contrato de Repasse nº /2002/SEDU/CAIXA. Foram liquidados R$ ,56. Resta ainda um saldo de R$ ,44. Prorrogada a vigência até 31/07/2005. Nº do SIAFI: Objeto: Execução de ações de reestruturação urbana e interligação de áreas urbanas e de adequação de vias. Conclusão das obras do Complexo Viário da Marginal do Rio Baquirivu - Guarulhos - SP. Data Assinatura: 05/07/2002 Vigência Atual: 05/07/2002 a 31/07/2005 Data Rescisão/Suspensão: Situação Atual: Em andamento. Concedente: / CAIXA ECONÔMICA FEDERAL - MF Convenente: / Prefeitura Municipal de Guarulhos - SP Valor atual: ,83 Contrato de Repasse nº /2002/SEDU/CAIXA. 2ª Prorrogação até 31/07/2005. Existem saldos a serem repassados pela CEF.

11 Nº do SIAFI: SEM NUMERO Objeto: Serviços de Terraplanagem. Pavimentação e Drenagem de 140m no Ramo A, 169m da Pista Sul e 164m do Ramo S. Data Assinatura: 25/06/2002 Vigência Atual: 22/07/2002 a 22/10/2002 Data Rescisão/Suspensão: Situação Atual: Concluído. Concedente: / BANCO DO ESTADO DE SÃO PAULO (PRIVATIZADA) Convenente: / Prefeitura Municipal de Guarulhos - SP Valor atual: ,61 Convênio nº 033/2002, firmado com o Estado de São Paulo. Nº do SIAFI: SEM NUMERO Objeto: Serviços de Terraplanagem. Pavimentação e Drenagem de 140m no Ramo A, 169m da Pista Sul e 164m do Ramo S. Data Assinatura: 25/06/2002 Vigência Atual: 22/07/2002 a 22/10/2002 Data Rescisão/Suspensão: Situação Atual: Concluído. Concedente: / BANCO DO ESTADO DE SÃO PAULO (PRIVATIZADA) Convenente: / Prefeitura Municipal de Guarulhos - SP Valor atual: ,61 Convênio nº 033/2002, firmado com o Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Transportes Metropolitanos, como recursos do FUMEFI.

12 DADOS CADASTRAIS Histórico de Fiscalizações Obra já fiscalizada pelo TCU (no âmbito do Fiscobras)? Foram observados indícios de irregularidades graves? Processos correlatos (inclusive de interesse) Sim Sim Sim Não IG-P IG-P 8803/2001-0; 7800/2002-2; 11101/2003-6; 4714/2004-5; 9186/2005-2;

13 INDÍCIOS DE IRREGULARIDADES APONTADOS EM FISCALIZAÇÕES ANTERIORES E AINDA NÃO SANEADOS ATÉ A DATA DE TÉRMINO DESTA FISCALIZAÇÃO Consulte a seção "DELIBERAÇÕES DO TCU" ao final deste relatório para verificar se os indícios de irregularidades já foram saneados IRREGULARIDADE Nº 1 Classificação: GRAVE IG-P Tipo: Administração irregular de contratos Área de Ocorrência: CONTRATO No. Contrato: 039/99 Descrição/Fundamentação: Indício de irregularidade sendo tratado no TC / que se encontra no Gabinete do Relator da LUJ 02 com propostas de: conversão em TCE e aplicação de multa aos responsáveis e citação. É recomendável o prosseguimento da obra ou serviço? Não IRREGULARIDADE Nº 2 Classificação: GRAVE IG-P Tipo: Alterações indevidas de projetos e especificações Área de Ocorrência: EXECUÇÃO FÍSICA Descrição/Fundamentação: Indício de irregularidade sendo tratado no TC / que se encontra no Gabinete do Relator da LUJ 02 com propostas de: conversão em TCE e aplicação de multa aos responsáveis e citação. É recomendável o prosseguimento da obra ou serviço? Não IRREGULARIDADE Nº 3 Classificação: GRAVE IG-P Tipo: Demais irregularidades graves no processo licitatório Área de Ocorrência: EMPREENDIMENTO Descrição/Fundamentação: Indício de irregularidade sendo tratado no TC / que se encontra no Gabinete do Relator da LUJ 02 com propostas de: conversão em TCE e aplicação de multa aos responsáveis e citação.

14 É recomendável o prosseguimento da obra ou serviço? Não IRREGULARIDADE Nº 4 Classificação: GRAVE IG-P Tipo: Irregularidade graves concernentes ao aspecto ambiental Área de Ocorrência: EMPREENDIMENTO Descrição/Fundamentação: Indício de irregularidade sendo tratado no TC / que se encontra no Gabinete do Relator da LUJ 02 com propostas de: conversão em TCE e aplicação de multa aos responsáveis e citação. É recomendável o prosseguimento da obra ou serviço? Não IRREGULARIDADE Nº 5 Classificação: GRAVE Tipo: Superfaturamento IG-P Área de Ocorrência: CONTRATO No. Contrato: 039/99 Descrição/Fundamentação: Indício de irregularidade sendo tratado no TC / que se encontra no Gabinete do Relator da LUJ 02 com propostas de: conversão em TCE e aplicação de multa aos responsáveis e citação. É recomendável o prosseguimento da obra ou serviço? Não IRREGULARIDADE Nº 6 Classificação: GRAVE IG-C Tipo: Ausência de cadastramento de contrato ou convênio no SIASG Área de Ocorrência: CONTRATO No. Contrato: 039/99 Descrição/Fundamentação: Indício de irregularidade sendo tratado no TC / É recomendável o prosseguimento da obra ou serviço? Sim IRREGULARIDADE Nº 7 IG-C

15 Classificação: GRAVE Tipo: Administração irregular de contratos Área de Ocorrência: CONTRATO No. Contrato: 039/99 Descrição/Fundamentação: Indício de irregularidade sendo tratado no TC / que se encontra no Gabinete do Relator da LUJ 02 com propostas de: conversão em TCE e aplicação de multa aos responsáveis e citação. É recomendável o prosseguimento da obra ou serviço? Sim IRREGULARIDADE Nº 8 Classificação: GRAVE IG-C Tipo: Demais irregularidades graves no processo licitatório Área de Ocorrência: EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA Descrição/Fundamentação: Indício de irregularidade sendo tratado no TC / que se encontra no Gabinete do Relator da LUJ 02 com propostas de: conversão em TCE e aplicação de multa aos responsáveis e citação. É recomendável o prosseguimento da obra ou serviço? Sim IRREGULARIDADE Nº 9 Classificação: OUTRAS IRREGULARIDADES Área de Ocorrência: CONVÊNIO OI Tipo: Incorreções no cadastro do convênio no SIAFI No. Convênio: SEM NÚMERO Descrição/Fundamentação: Indício de irregularidade sendo tratado no TC /

16 INDÍCIOS DE IRREGULARIDADES APONTADOS NESTA FISCALIZAÇÃO Consulte a seção "DELIBERAÇÕES DO TCU" ao final deste relatório para verificar se os indícios de irregularidades já foram saneados Não há Irregularidades

17 CONCLUSÃO PARECER: As irregularidades graves foram apuradas no âmbito do FISCOBRAS/2003, TC /2003, as quais ainda se encontram pendentes de apreciação. Em face da inclusão da obra no Anexo VI da LOA/2005, não houve dotação orçamentária em 2005, sendo que o avanço do empreendimento deu-se em face do uso de recursos originários da CEF e da Prefeitura. Das irregularidades apontadas em 2003, aquela referente ao licenciamento ambiental foi regularizada com a emissão da autorização, pelo DEPRN, válida até março/2006. Quanto à ausência do cadastramento no SIASG do contrato 039/99, apontado como irregularidade em 2004, a Prefeitura alega não estar habilitada no sistema para efetuar o referido cadastramento. Desse modo, entendemos que a liberação de novos recursos da União dependerá do saneamento das irregularidades apontadas em 2003, as quais ainda não foram objeto de apreciação por este Tribunal.

18 PROPOSTA DE ENCAMINHAMENTO PROPOSTA DO SECRETÁRIO Apensamento do Atual Processo a Outro(s): APENSAR ESTE PROCESSO AO PROCESSO: 11101/2003-6

19 DELIBERAÇÕES DO TCU PROCESSO DE INTERESSE (DELIBERAÇÕES ATÉ A DATA DE INÍCIO DA AUDITORIA) Processo: 8803/ Deliberação: DC-647-/2001-PL Data: 29/08/2001 Processo: 8803/ Deliberação: Data: 22/07/2002 Processo: 7800/ Deliberação: DC /2002-PL Data: 28/08/2002 Processo: 11101/ Deliberação: Data: 07/10/2003 PROCESSO DE INTERESSE (DELIBERAÇÕES APÓS A DATA DE INÍCIO DA AUDITORIA) Não há deliberação até a emissão desse relatório.

20 Fotografias 1-15/06/ Ligação Pq. CECAP com a Marginal Baquirivu. 2-15/06/ Interligação Pista Sul com a Pista Norte - Acesso à Rodovia Hélio Schimidt.

21 3-15/06/ Trecho Pista Norte - Estaca 17 a /06/ Acesso da Pista Norte para a Rodovia Helio Schimidit.

22 5-15/06/ Pista Norte - Trecho próximo ao Terminal de Cargas/TECA 6-15/06/ Pista Sul - Trecho próximo ao Terminal de Cargas/TECA

23 7-15/06/ Localização da construção do viaduto de acesso ao Terminal de Cargas/TECA. 8-15/06/ Acesso da Av. Joaquina de Jesus para a Marginal Baquirivu.

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2006

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2006 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2006 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 8478/2006-0 Ano Orçamento: 2005 UF: AP Nome do PT: Recuperação do Porto de Santana no Estado

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 13101/2007-8 Ano Orçamento: 2007 UF: SP Nome do PT: OBRAS RODOVIÁRIAS EMERGENCIAIS (CRÉDITO

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 3065/2004-1 Ano Orçamento: 2004 UF: MS Nome do PT: CONSTRUÇÃO DA ESCOLA AGROTÉCNICA FEDERAL

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 18412/2007-0 Ano Orçamento: 2007 UF: SP Nome do PT: Adequacão de Trecho Rodoviário - São Paulo

Leia mais

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético Caracterização da obra Ano orçamento: 2002 UF: MS Nome do programa de trabalho: Construção de Contornos Ferroviários no Corredor Sudoeste -

Leia mais

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético Caracterização da obra Ano orçamento: 2002 UF: GO Nome do programa de trabalho: Construção de Trechos Rodoviários no Corredor Araguaia-Tocantins

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 3027/2004-0 Ano Orçamento: 2004 UF: GO Nome do PT: Apoio à Implantação e Ampliação de Sistemas

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 4525/2005-6 Ano Orçamento: 2005 UF: PR Nome do PT: Recuperação de Trechos Rodoviários - Divisa

Leia mais

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório ainda não Apreciado pelo TCU

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório ainda não Apreciado pelo TCU Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório ainda não Apreciado pelo TCU Caracterização da obra Ano orçamento: 2002 UF: MG Nome do programa de trabalho: Adequação de Contornos Rodoviários no Corredor

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 11360/2005-4 Ano Orçamento: 2004 UF: RJ Nome do PT: Modernização do Centro Técnico de Atividades

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007 Relatório Preliminar da Unidade Técnica ainda sem Manifestação do Ministro Relator

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007 Relatório Preliminar da Unidade Técnica ainda sem Manifestação do Ministro Relator Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007 Relatório Preliminar da Unidade Técnica ainda sem Manifestação do Ministro Relator IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 9649/2007-2

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 Relatório ainda não Apreciado pelo TCU

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 Relatório ainda não Apreciado pelo TCU Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 Relatório ainda não Apreciado pelo TCU IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 4171/2004-9 Ano Orçamento: 2004 UF: PB Nome do PT: Sistema

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 10970/2005-9 Ano Orçamento: 2005 UF: BA Nome do PT: Implantação de Projetos de Irrigação -

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 6094/2004-7 Ano Orçamento: 2004 UF: RO Nome do PT: Adequação de Trechos Rodoviários na BR-364

Leia mais

Plano Especial de Auditoria de Obras 2003 Relatório ainda não Apreciado pelo TCU

Plano Especial de Auditoria de Obras 2003 Relatório ainda não Apreciado pelo TCU Plano Especial de Auditoria de Obras 2003 Relatório ainda não Apreciado pelo TCU Caracterização da obra Ano orçamento: 2003 UF: SC Nome do programa de trabalho: Melhoria da segurança do transporte ferroviário

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2006

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2006 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2006 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 2662/2006-4 Ano Orçamento: 2006 UF: AM Nome do PT: OBRAS RODOVIARIAS EMERGENCIAIS (CREDITO

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005 Relatório Preliminar da Unidade Técnica ainda sem Manifestação do Ministro Relator

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005 Relatório Preliminar da Unidade Técnica ainda sem Manifestação do Ministro Relator Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005 Relatório Preliminar da Unidade Técnica ainda sem Manifestação do Ministro Relator IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 12255/2005-3

Leia mais

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO 1 RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO TC 004.750/2014-4 Fiscalização 85/2014 DA FISCALIZAÇÃO Modalidade: conformidade Ato originário: Acórdão 3.143/2013 - Plenário Objeto da fiscalização: Implantação

Leia mais

RELATÓRIO. (*) Pesquisa realizada em 17/6/2013 TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO TC 006.368/2013-1

RELATÓRIO. (*) Pesquisa realizada em 17/6/2013 TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO TC 006.368/2013-1 GRUPO I CLASSE V PLENÁRIO TC 006.368/2013-1 Natureza: Relatório de Auditoria. Unidades: Governo do Estado do Piauí, Ministério da Integração Nacional e Ministério do Meio Ambiente. Responsável: Dalton

Leia mais

TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO TC 008.130/2009-5

TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO TC 008.130/2009-5 GRUPO I CLASSE V Plenário TC-008.130/2009-5. Natureza: Levantamento de Auditoria. Entidade: Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Naturais do Estado do Piauí. Interessado: Congresso Nacional. Advogado

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 8657/2007-0 Ano Orçamento: 2007 UF: PI Nome do PT: CONSTRUÇÃO DA BARRAGEM RANGEL REDENÇÃO DO

Leia mais

RESUMO RELATÓRIO. 1) A Administração está tomando providências com vistas a regularizar a situação da. obra?

RESUMO RELATÓRIO. 1) A Administração está tomando providências com vistas a regularizar a situação da. obra? GRUPO I CLASSE V Plenário TC 011.226/2014-5 Natureza: Relatório de Auditoria Entidades: Estado do Piauí, Ministério da Integração Nacional (vinculador) e Ministério do Meio Ambiente Interessado: Congresso

Leia mais

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético Caracterização da obra Ano orçamento: 2002 UF: DF Nome do programa de trabalho: Apoio à Instalação de Posto Avançado do INCOR em Brasília -

Leia mais

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO Relatório preliminar, sujeito a alterações pela unidade técnica (não tramitar para o relator antes da RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO TC nº 000.787/2009-4 Fiscalização nº 385/2009 DA FISCALIZAÇÃO

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 6160/2005-2 Ano Orçamento: 2005 UF: RJ Nome do PT: Aquisição de Imóvel - sede Rio de Janeiro

Leia mais

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético Caracterização da obra Ano orçamento: 2002 UF: AM Nome do programa de trabalho: Implantação do Sistema de Transmissão em Manaus (313,3 Km de

Leia mais

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO 1 RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO TC 006.400/2013-2 Fiscalização 148/2013 DA FISCALIZAÇÃO Modalidade: conformidade Ato originário: Acórdão 448/2013 - Plenário Objeto da fiscalização: Construção do

Leia mais

Plano Especial de Auditoria de Obras 2003 Relatório Sintético

Plano Especial de Auditoria de Obras 2003 Relatório Sintético Plano Especial de Auditoria de Obras 2003 Relatório Sintético Caracterização da obra Ano orçamento: 2003 UF: SP Nome do programa de trabalho: Implantação do Sistema de Trens Urbanos no Estado de São Paulo

Leia mais

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO 1 RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO TC 013.638/2013-0 Fiscalização 239/2015 DA FISCALIZAÇÃO Modalidade: conformidade Ato originário: Acórdão 1.184/2015 - Plenário Objeto da fiscalização: Construção

Leia mais

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético Caracterização da obra Ano orçamento: 2002 UF: PR Nome do programa de trabalho: Construção de Contornos Ferroviários no Corredor Mercosul -

Leia mais

Plano Especial de Auditoria de Obras 2003 Relatório Sintético

Plano Especial de Auditoria de Obras 2003 Relatório Sintético Plano Especial de Auditoria de Obras 2003 Relatório Sintético Caracterização da obra Ano orçamento: 2003 UF: SP Nome do programa de trabalho: Ampliação da Capacidade da SE Tijuco Preto (SP) - (3º Banco

Leia mais

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO TC nº 006.343/2008-7 Fiscalização nº 115/2008 DA FISCALIZAÇÃO Modalidade: conformidade - levantamento Ato originário: Acórdão 461/2008 - Plenário Objeto da fiscalização:

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 6602/2004-8 Ano Orçamento: 2003 UF: SP Nome do PT: Obtenção de Próprios Nacionais Residenciais

Leia mais

Plano Especial de Auditoria de Obras 2003 Relatório Sintético

Plano Especial de Auditoria de Obras 2003 Relatório Sintético Plano Especial de Auditoria de Obras 2003 Relatório Sintético Caracterização da obra Ano orçamento: 2003 UF: BA Nome do programa de trabalho: Construção da Barragem Poço do Magro no Estado da Bahia - No

Leia mais

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO 1 RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO TC 003.757/2014-5 Fiscalização 88/2014 DA FISCALIZAÇÃO Modalidade: conformidade Ato originário: Despacho de 27/1/2014 do Min. Valmir Campelo (TC 001.081/2014-4)

Leia mais

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO 1 RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO TC 003.762/2014-9 Fiscalização 90/2014 DA FISCALIZAÇÃO Modalidade: conformidade Ato originário: Despacho de 27/1/2014 do Min. Valmir Campelo (TC 001.081/2014-4)

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 15054/2007-5 Ano Orçamento: 2007 UF: RJ Nome do PT: Financiamento de Embarcações Pesqueiras

Leia mais

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO 1 RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO TC 044.367/2012-0 Fiscalização 1363/2012 DA FISCALIZAÇÃO Modalidade: conformidade Ato originário: Acórdão 2.382/2011 - Plenário Objeto da fiscalização: Obras de

Leia mais

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO TC nº 009.211/2008-1 Fiscalização nº 65/2008 DA FISCALIZAÇÃO Modalidade: conformidade - levantamento Ato originário: Acórdão 461/2008 - Plenário Objeto da fiscalização:

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 6604/2004-2 Ano Orçamento: 2004 UF: RJ Nome do PT: Construção do Centro de Desenvolvimento

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005 Relatório ainda não Apreciado pelo TCU

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005 Relatório ainda não Apreciado pelo TCU Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005 Relatório ainda não Apreciado pelo TCU IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 10038/2005-2 Ano Orçamento: 2000 UF: DF Nome do PT:

Leia mais

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - RESUMIDO

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - RESUMIDO 1 RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - RESUMIDO TC 002.824/2014-0 Fiscalização 58/2014 DA FISCALIZAÇÃO Modalidade: conformidade Ato originário: Despacho de 4/2/2014 do Min. Valmir Campelo (TC 000.948/2014-4) Objeto

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 4101/2004-4 Ano Orçamento: 2002 UF: RJ Nome do PT: Manutenção de Serviços Administrativos -

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO RELATÓRIO DE AÇÃO DE CONTROLE FISCALIZAÇÃO

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO RELATÓRIO DE AÇÃO DE CONTROLE FISCALIZAÇÃO 1 de 7 01/10/2013 17:24 PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO RELATÓRIO DE AÇÃO DE CONTROLE FISCALIZAÇÃO NÚMERO DO RELATÓRIO : 201205023 FUNCIONAL-PROGRAMÁTICA

Leia mais

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético Caracterização da obra Ano orçamento: 2002 UF: DF Nome do programa de trabalho: Implantação de Sistema de Transmissão na Área de Goiás/Distrito

Leia mais

1. APRESENTAÇÃO IDENTIFICAÇÃO DA FISCALIZAÇÃO DO ÓRGÃO / ENTIDADE FISCALIZADA. Município/UF: Recife/PE

1. APRESENTAÇÃO IDENTIFICAÇÃO DA FISCALIZAÇÃO DO ÓRGÃO / ENTIDADE FISCALIZADA. Município/UF: Recife/PE 1. APRESENTAÇÃO IDENTIFICAÇÃO Município/UF: Recife/PE DA FISCALIZAÇÃO Objeto da fiscalização: Arena Multiuso da Copa 2014 Tipo de obra: Estádio de Futebol Período abrangido pela fiscalização: junho/2011

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 4096/2004-2 Ano Orçamento: 2003 UF: RJ Nome do PT: Funcionamento de Cursos de Graduação - No

Leia mais

O DIRETOR GERAL DO DEPARTAMENTO DE AVIAÇÃO CIVIL, com base no Decreto

O DIRETOR GERAL DO DEPARTAMENTO DE AVIAÇÃO CIVIL, com base no Decreto SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL DEPARTAMENTO DE AVIAÇÃO CIVIL PORTARIA DAC N o 1262A/DGAC, DE 31 DE AGOSTO DE 2001. Aprova a IAC que trata da Sistemática de Controle e Fiscalização do Programa Federal de Auxílio

Leia mais

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético Caracterização da obra Ano orçamento: 2002 UF: RS Nome do programa de trabalho: Construção do Edifício-Sede do TRF da 4ª Região em Porto Alegre

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 15409/2007-1 Ano Orçamento: 2007 UF: BA Nome do PT: Apoio à Implantação do Trecho Lapa-Pirajá

Leia mais

1. APRESENTAÇÃO IDENTIFICAÇÃO DA FISCALIZAÇÃO DO ÓRGÃO / ENTIDADE FISCALIZADA. Município/UF: Fortaleza / CE

1. APRESENTAÇÃO IDENTIFICAÇÃO DA FISCALIZAÇÃO DO ÓRGÃO / ENTIDADE FISCALIZADA. Município/UF: Fortaleza / CE 1. APRESENTAÇÃO IDENTIFICAÇÃO Município/UF: Fortaleza / CE DA FISCALIZAÇÃO Objeto da fiscalização: Veículo leve sobre trilhos (VLT)Parangaba/ Mucuripe Tipo de obra: Mobilidade Urbana Período abrangido

Leia mais

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO TC nº 008.566/2009-0 Fiscalização nº 172/2009 DA FISCALIZAÇÃO Modalidade: conformidade Ato originário: Acórdão 345/2009 - Plenário Objeto da fiscalização: Obras de

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 Relatório ainda não Apreciado pelo TCU

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 Relatório ainda não Apreciado pelo TCU Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 Relatório ainda não Apreciado pelo TCU IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 6924/2004-1 Ano Orçamento: 2004 UF: AM Nome do PT: Revitalização

Leia mais

RELATÓRIO DE AUDITORIA ANUAL DE CONTAS Nº 243930-2ª PARTE

RELATÓRIO DE AUDITORIA ANUAL DE CONTAS Nº 243930-2ª PARTE RELATÓRIO DE AUDITORIA ANUAL DE CONTAS Nº 243930-2ª PARTE 1 ASSIST. AMBULAT. E HOSPITALAR ESPECIALIZADA 1.1 ATENÇÃO À SAÚDE DA POP NOS MUNICÍPIOS 1.1.1 ASSUNTO - PROGRAMAÇÃO DOS OBJETIVOS E METAS 1.1.1.1

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 Relatório Preliminar da Unidade Técnica ainda sem Manifestação do Ministro Relator

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 Relatório Preliminar da Unidade Técnica ainda sem Manifestação do Ministro Relator Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 Relatório Preliminar da Unidade Técnica ainda sem Manifestação do Ministro Relator IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 2933/2004-2

Leia mais

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético Caracterização da obra Ano orçamento: 2002 UF: MG Nome do programa de trabalho: Construção da Escola de Engenharia da UFMG no Campus da Pampulha

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 6177/2005-0 Ano Orçamento: 2005 UF: RJ Nome do PT: Substituição de Grupo de Geradores de Vapor

Leia mais

MODELO DE RELATÓRIO DO TOMADOR DE CONTAS ESPECIAL

MODELO DE RELATÓRIO DO TOMADOR DE CONTAS ESPECIAL Anexo IX MODELO DE RELATÓRIO DO TOMADOR DE CONTAS ESPECIAL (PARA TOMADAS DE CONTAS ESPECIAIS QUE NÃO TRATEM DE RECURSOS REPASSADOS POR CONVÊNIO OU INSTRUMENTOS CONGÊNERES) RELATÓRIO DE TCE Nº 999/20XX

Leia mais

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético Caracterização da obra Ano orçamento: 2002 UF: SP Nome do programa de trabalho: Implantação do Gasoduto São Carlos (SP) - Congonhas (MG) de

Leia mais

Code-P0. 4º Balanço de Ações para a Copa (1º Ciclo) Cidade-sede de Porto Alegre. Dezembro de 2012

Code-P0. 4º Balanço de Ações para a Copa (1º Ciclo) Cidade-sede de Porto Alegre. Dezembro de 2012 CodeP0 4º Balanço de Ações para a Copa (1º Ciclo) Cidadesede de Porto Alegre Dezembro de 2012 CodeP1 CODE1 Porto Alegre: Distribuição dos Investimentos por Tema e Fonte de s Referência Nov/12, Distribuição

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2004 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 10074/2004-0 Ano Orçamento: 2004 UF: PE Nome do PT: Apoio à Estruturação de Unidades de Atenção

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO TIPO DE AUDITORIA : AUDITORIA DE GESTÃO EXERCÍCIO : 2006 PROCESSO Nº : 50600.003157/2007-81 UNIDADE AUDITADA

Leia mais

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO TC nº 006.585/2009-6 Fiscalização nº 258/2009 DA FISCALIZAÇÃO Modalidade: conformidade Ato originário: Acórdão 345/2009 - Plenário Objeto da fiscalização: Obras de

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007 Relatório Preliminar da Unidade Técnica ainda sem Manifestação do Ministro Relator

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007 Relatório Preliminar da Unidade Técnica ainda sem Manifestação do Ministro Relator Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007 Relatório Preliminar da Unidade Técnica ainda sem Manifestação do Ministro Relator IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 13856/2007-4

Leia mais

e-sfinge Obras ênfase no controle interno dos municípios

e-sfinge Obras ênfase no controle interno dos municípios e-sfinge Obras ênfase no controle interno dos municípios Conteúdo Programático - Legislação; - Demonstrar às características básicas do e-sfinge Obras; - Quais dados a serem informados no sistema; - Prazos

Leia mais

Plano Especial de Auditoria de Obras 2003 Relatório Sintético

Plano Especial de Auditoria de Obras 2003 Relatório Sintético Plano Especial de Auditoria de Obras 2003 Relatório Sintético Caracterização da obra Ano orçamento: 2003 UF: CE Nome do programa de trabalho: Implantação, Aparelhamento e Adequação de Unidades de Saúde

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2006

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2006 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2006 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 10803/2006-9 Ano Orçamento: 2006 UF: RJ Nome do PT: Implantação de Unidade de Enriquecimento

Leia mais

LEI Nº 2.437, DE 11 DE FEVEREIRO DE 2015.

LEI Nº 2.437, DE 11 DE FEVEREIRO DE 2015. LEI Nº 2.437, DE 11 DE FEVEREIRO DE 2015. Autoriza o Executivo Municipal a repassar recursos financeiros mediante convênio às APM'S - Associações de Pais e Mestres das Escolas e CEMEIS da Rede Municipal

Leia mais

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO TC nº 006.284/2008-4 Fiscalização nº 78/2008 DA FISCALIZAÇÃO Modalidade: conformidade - levantamento Ato originário: Acórdão 461/2008 - Plenário Objeto da fiscalização:

Leia mais

CHECKLIST CONVÊNIOS E CONTRATOS DE REPASSE RECURSOS FEDERAIS

CHECKLIST CONVÊNIOS E CONTRATOS DE REPASSE RECURSOS FEDERAIS CHECKLIST CONVÊNIOS E CONTRATOS DE REPASSE RECURSOS FEDERAIS VERIFICAÇÕES PRELIMINARES Art. 3, caput e 1 ; 1. O objeto do convênio ou contrato de repasse guarda relação com a atividade do convenente? 2.

Leia mais

LICENCIAMENTO AMBIENTAL MUNICIPAL MINEIROS - GO

LICENCIAMENTO AMBIENTAL MUNICIPAL MINEIROS - GO LICENCIAMENTO AMBIENTAL MUNICIPAL MINEIROS - GO 1. Qual a importância do Licenciamento Ambiental? É o instrumento básico da Política Municipal de Gestão e Saneamento Ambiental e tem por objetivo a prévia

Leia mais

Plano Especial de Auditoria de Obras 2003 Relatório Sintético

Plano Especial de Auditoria de Obras 2003 Relatório Sintético Plano Especial de Auditoria de Obras 2003 Relatório Sintético Caracterização da obra Ano orçamento: 2003 UF: CE Nome do programa de trabalho: Participação da União no Capital - Companhia Docas do Ceará

Leia mais

O Estado de São Paulo dispõe do Programa Estadual de Regularização de Núcleos Habitacionais - Cidade Legal, doravante denominado de Cidade Legal.

O Estado de São Paulo dispõe do Programa Estadual de Regularização de Núcleos Habitacionais - Cidade Legal, doravante denominado de Cidade Legal. O Estado de São Paulo dispõe do Programa Estadual de Regularização de Núcleos Habitacionais - Cidade Legal, doravante denominado de Cidade Legal. Em resumo, o programa fornece, mediante convênio de cooperação

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2006

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2006 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2006 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 13321/2006-3 Ano Orçamento: 2006 UF: RJ Nome do PT: Ampliação da Malha de Gasodutos na Região

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005 Relatório Preliminar da Unidade Técnica ainda sem Manifestação do Ministro Relator

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005 Relatório Preliminar da Unidade Técnica ainda sem Manifestação do Ministro Relator Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2005 Relatório Preliminar da Unidade Técnica ainda sem Manifestação do Ministro Relator IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 6638/2005-9

Leia mais

INDEXAÇÃO Levantamentos de Auditoria; CEFET; RJ; Obra Pública; Execução Parcial de Obras e Serviços; Pagamento Antecipado;

INDEXAÇÃO Levantamentos de Auditoria; CEFET; RJ; Obra Pública; Execução Parcial de Obras e Serviços; Pagamento Antecipado; Tribunal de Contas da União Número do documento: DC-0065-09/00-1 Identidade do documento: Decisão 65/2000 - Primeira Câmara Ementa: Levantamento de Auditoria. Centro Federal de Educação Tecnológica RJ.

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007 Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007 IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 8968/2007-0 Ano Orçamento: 2007 UF: RJ Nome do PT: Substituição de Grupo de Geradores de Vapor

Leia mais

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético Caracterização da obra Ano orçamento: 2002 UF: RN Nome do programa de trabalho: Recuperação e Melhoramento da Infra-estrutura Portuária - Terminal

Leia mais

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético

Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético Plano Especial de Auditoria de Obras 2002 Relatório Sintético Caracterização da obra Ano orçamento: 2002 UF: SP Nome do programa de trabalho: Construção, Ampliação, Reforma e Aparelhamento de Estabelecimentos

Leia mais

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007 Relatório Preliminar da Unidade Técnica ainda sem Manifestação do Ministro Relator

Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007 Relatório Preliminar da Unidade Técnica ainda sem Manifestação do Ministro Relator Relatório Sintético do Levantamento de Auditoria/ 2007 Relatório Preliminar da Unidade Técnica ainda sem Manifestação do Ministro Relator IDENTIFICAÇÃO DA OBRA Caracterização da obra Processo: 13005/2007-1

Leia mais

FUNDAÇÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA GUAMÁ

FUNDAÇÃO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA GUAMÁ ANEXO I ATO CONVOCATÓRIO Nº 002/2012 TERMO DE REFERÊNCIA OBJETO: Contratação de Empresa para Recrutamento, Seleção e Contratação de Pessoal para Treinamento, Capacitação e Consultoria à Fundação de Ciência

Leia mais

Lei n. 3.245, de 17 de junho de 2014.

Lei n. 3.245, de 17 de junho de 2014. Dispõe sobre o Licenciamento Ambiental no Município de Serafina Corrêa e sobre a regulamentação das Taxas de Licenciamento Ambiental e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE SERAFINA CORREA, seguinte

Leia mais

INSTRUÇÕES PARA CÁLCULO DE HONORÁRIOS PROFISSIONAIS DE PROJETOS ESTRUTURAIS DE OBRAS DE ARTE EM CONCRETO ARMADO OU PROTENDIDO

INSTRUÇÕES PARA CÁLCULO DE HONORÁRIOS PROFISSIONAIS DE PROJETOS ESTRUTURAIS DE OBRAS DE ARTE EM CONCRETO ARMADO OU PROTENDIDO INSTRUÇÕES PARA CÁLCULO DE HONORÁRIOS PROFISSIONAIS DE PROJETOS ESTRUTURAIS DE OBRAS DE ARTE EM CONCRETO ARMADO OU PROTENDIDO Aprovada pelo Sr. Superintendente nos autos nº 97.024/DER/1962-5º Provº em

Leia mais

TERMO DE REFERÊNCIA PARA PARCELAMENTO DE SOLO: CODRAM 3414,40; CODRAM 3414,50; CODRAM 3414,60; CODRAM 3414,70; CODRAM 3415,10

TERMO DE REFERÊNCIA PARA PARCELAMENTO DE SOLO: CODRAM 3414,40; CODRAM 3414,50; CODRAM 3414,60; CODRAM 3414,70; CODRAM 3415,10 TERMO DE REFERÊNCIA PARA PARCELAMENTO DE SOLO: CODRAM 3414,40; CODRAM 3414,50; CODRAM 3414,60; CODRAM 3414,70; CODRAM 3415,10 O processo administrativo para aprovação e licenciamento de parcelamentos de

Leia mais

Art. 1º - Os dispositivos adiante discriminados do Decreto nº 47.400, de 04 de dezembro de 2002, passam a vigorar com a seguinte redação:

Art. 1º - Os dispositivos adiante discriminados do Decreto nº 47.400, de 04 de dezembro de 2002, passam a vigorar com a seguinte redação: DECRETO Nº 55.149, de 10/12/2009 Dá nova redação a dispositivos do Decreto nº 47.400, de 04 de dezembro de 2002, que regulamenta disposições da Lei nº 9.509, de 20 de março de 1997, referentes ao licenciamento

Leia mais

Matriz de Procedimentos. Obras e Serviços de Engenharia

Matriz de Procedimentos. Obras e Serviços de Engenharia Matriz de Procedimentos Obras e Serviços de Engenharia Escopo: Dois processos de maior materialidade executados nos anos de 2011 e 2012. Questão de auditoria Informações Requeridas Fontes de Informação

Leia mais

O TCU e a Copa de 2014

O TCU e a Copa de 2014 O TCU e a Copa de 2014 Presidente: Benjamin Zymler Ministro Relator: Valmir Campelo Copa 2014: Objetos de Fiscalização do TCU Gestão da Copa pelo Min. Esporte Atuação dos demais Ministérios Aplicação de

Leia mais

Execução de Despesa. DNT/SSSCI/SF Abril 2013

Execução de Despesa. DNT/SSSCI/SF Abril 2013 DNT/SSSCI/SF Abril 2013 Realização Secretaria da Fazenda Subsecretaria do Sistema de Controle Interno Departamento de Normas Técnicas Apresentação David Fabri Monique Junqueira Ferraz Zanella INTRODUÇÃO

Leia mais

Número: 00213.000058/2010-38 Unidade Examinada: Município de Portel/PA.

Número: 00213.000058/2010-38 Unidade Examinada: Município de Portel/PA. Número: 00213.000058/2010-38 Unidade Examinada: Município de Portel/PA. Relatório de Demandas Externas n 00213.000058/2010-38 Sumário Executivo Este Relatório apresenta os resultados das ações de controle

Leia mais

RELATÓRIO TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO TC 046.095/2012-8

RELATÓRIO TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO TC 046.095/2012-8 GRUPO I CLASSE V PLENÁRIO TC-046.095/2012-8 Natureza: Relatório de Auditoria Unidades: Prefeitura Municipal de Fortaleza/CE; Caixa Econômica Federal; Ministério do Turismo Responsáveis: Francisco Humberto

Leia mais

Número: 00225.000175/2012-24 Unidade Examinada: Município de Mogi Guaçu/SP

Número: 00225.000175/2012-24 Unidade Examinada: Município de Mogi Guaçu/SP Número: 00225.000175/2012-24 Unidade Examinada: Município de Mogi Guaçu/SP Relatório de Demandas Externas n 00225.000175/2012-24 Sumário Executivo Este Relatório apresenta os resultados das ações de controle

Leia mais

CARTILHA DE LICENCIAMENTO AMBIENTAL

CARTILHA DE LICENCIAMENTO AMBIENTAL CARTILHA DE LICENCIAMENTO AMBIENTAL Realização PREFEITURA MUNICIPAL DE BAURU SECRETARIA DO MEIO AMBIENTE DEPARTAMENTO DE AÇÕES E RECURSOS AMBIENTAIS Bauru, maio 2007. SUMÁRIO 01 - OBJETIVO 02 O QUE É O

Leia mais

FISCOBRAS 2011. Que benefícios a sociedade tem com a fiscalização de obras

FISCOBRAS 2011. Que benefícios a sociedade tem com a fiscalização de obras FISCOBRAS O TCU tem o dever de verificar se os recursos públicos são usados da melhor maneira, em favor da sociedade. Ciente de que reparar danos é mais difícil do que evitá-los, prioriza cada vez mais

Leia mais

NORMA TÉCNICA GEPRO/ESGOTO 001/2015 DIRETRIZES PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS HIDROSANITÁRIOS POR TERCEIROS

NORMA TÉCNICA GEPRO/ESGOTO 001/2015 DIRETRIZES PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS HIDROSANITÁRIOS POR TERCEIROS NORMA TÉCNICA GEPRO/ESGOTO 001/2015 DIRETRIZES PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS HIDROSANITÁRIOS POR TERCEIROS ÍNDICE 1. OBJETIVOS... 1 2. DOCUMENTOS RELACIONADOS... 1 3. EMPREENDIMENTOS DE INTERESSE... 2 4.

Leia mais

Tribunal de Contas da União. Assunto: Levantamento de Auditoria. Colegiado: Plenário. Classe: Classe V

Tribunal de Contas da União. Assunto: Levantamento de Auditoria. Colegiado: Plenário. Classe: Classe V Tribunal de Contas da União Assunto: Levantamento de Auditoria Colegiado: Plenário Classe: Classe V Sumário: Fiscobras 2001. Obras de construção de contornos rodoviários no corredor Leste/BR- 259/ES. Irregularidades.

Leia mais

Licenciamento Ambiental no Estado de São Paulo

Licenciamento Ambiental no Estado de São Paulo Licenciamento Ambiental no Estado de São Paulo LICENCIAMENTO AMBIENTAL DE SISTEMAS DE DISPOSIÇÃO FINAL DE RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS Eng. Cristiano Kenji Iwai Eng.ª Solange Takahashi Diretoria de Controle

Leia mais

1. APRESENTAÇÃO IDENTIFICAÇÃO DA FISCALIZAÇÃO DO ÓRGÃO / ENTIDADE FISCALIZADA. Município/UF: Fortaleza / CE

1. APRESENTAÇÃO IDENTIFICAÇÃO DA FISCALIZAÇÃO DO ÓRGÃO / ENTIDADE FISCALIZADA. Município/UF: Fortaleza / CE 1. APRESENTAÇÃO IDENTIFICAÇÃO Município/UF: Fortaleza / CE DA FISCALIZAÇÃO Objeto da fiscalização: Estádio Plácido Aderaldo Castelo Tipo de obra: Estádio de futebol Período abrangido pela fiscalização:

Leia mais

Ref.: NORMAS E PROCEDIMENTOS PARA ENCERRAMENTO DO EXERCÍCIO DE 2009

Ref.: NORMAS E PROCEDIMENTOS PARA ENCERRAMENTO DO EXERCÍCIO DE 2009 Universidade Federal de Minas Gerais Pro - Reitoria de Planejamento e Desenvolvimento Departamento de Contabilidade e Finanças e-mail: dcf@dcf.ufmg.br Tel. (031) 3409-4102 1 OFÍCIO CIRCULAR DCF 028/2009

Leia mais

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO

RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO RELATÓRIO DE FISCALIZAÇÃO - SINTÉTICO TC nº 006.064/2009-9 Fiscalização nº 259/2009 DA FISCALIZAÇÃO Modalidade: conformidade Ato originário: Acórdão 345/2009 - Plenário Objeto da fiscalização: Obras de

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA IN Nº 008 Licenciamento Ambiental de Condomínios Residenciais Horizontais e Verticais e Atividade de Hotelaria

INSTRUÇÃO NORMATIVA IN Nº 008 Licenciamento Ambiental de Condomínios Residenciais Horizontais e Verticais e Atividade de Hotelaria INSTRUÇÃO NORMATIVA IN Nº 008 Licenciamento Ambiental de Condomínios Residenciais Horizontais e Verticais e Atividade de Hotelaria Disciplina o processo de licenciamento ambiental de condomínios residenciais

Leia mais