PROCESSO Nº. 0096/2012 EDITAL FPTI-BR Nº. 040/12 MODALIDADE: CONVITE TIPO: MENOR VALOR GLOBAL

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROCESSO Nº. 0096/2012 EDITAL FPTI-BR Nº. 040/12 MODALIDADE: CONVITE TIPO: MENOR VALOR GLOBAL"

Transcrição

1 PROCESSO Nº. 0096/2012 EDITAL FPTI-BR Nº. 040/12 MODALIDADE: CONVITE TIPO: MENOR VALOR GLOBAL Av. Presidente Tancredo Neves, 6731 OBJETO: Registro de Preços para Contratação, Sob Demanda, de Serviços de Manutenção Preventiva, Corretiva e Pequenas Adequações de Obras, no Parque Tecnológico Itaipu Brasil, conforme condições descritas no Anexo I Termo de Referência. NORMA APLICÁVEL: RESOLUÇÃO Nº. RCD 080/2011 INSTITUIÇÃO INTERESSADA: Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil FPTI-BR. ÁREA GESTORA: GIM Gestão de Implantação e Manutenção de Infraestrutura. OBSERVAÇÃO: Este Edital não está sujeito a Lei nº /93. IMPORTANTE CALENDÁRIO DE EVENTOS DATA DESCRIÇÃO ENDEREÇO E TELEFONE No período entre 29/05/12 a 05/06/12, de segunda a sextafeira, no horário das 8h30 às 11h30 e das 14h30 às 17h Até 06/06/12 às 14:30h Dia 06/06/12 às 15:00h Encaminhar os dados do(s) representante(s) para solicitação de entrada na Barreira de Controle da Itaipu, com antecedência de 24hs, para participação da Sessão Pública e dirimir quaisquer dúvidas ao Edital. Recebimento dos envelopes Abertura dos envelopes da Proposta Comercial e de Habilitação Av. Tancredo Neves, 6731 Parque Tecnológico Itaipu Foz do Iguaçu - PR. Av. Tancredo Neves, 6731 Parque Tecnológico Itaipu Foz do Iguaçu - PR. Local: Na Central de Cadastramento da Itaipu. Av. Tancredo Neves, 6731 PTI Foz do Iguaçu - PR. Local: Bloco 10, Espaço 4 - Sala 6. Os horários constante deste Edital, observam, para todos os efeitos, os horário de Brasília, Distrito Federal. Fazem parte deste Edital os documentos abaixo relacionados, os quais seguem anexados na seguinte ordem: ANEXO I ANEXO II ANEXO III ANEXO IV ANEXO V ANEXO VI ANEXO VII ANEXO VIII Termo de Referência Modelo de Proposta Comercial; Modelo de Solicitação de Autorização de Entrada; Modelo de Carta de Credenciamento; Modelo de Declaração de Inexistência de Débitos em relação à IB; Modelo de Declaração de Inexistência de Parentesco; Orientação Técnica de Segurança, Higiene e Medicina do Trabalho; Minuta do Contrato. É facultada a apresentação dos Anexos em modelos próprios do proponente, desde que não descaracterizem sua finalidade. Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 1 de 74

2 A FUNDAÇÃO PARQUE TECNOLÓGICO ITAIPU BRASIL (FPTI-BR), por meio de sua Comissão Permanente de Contratações 1 da FPTI-BR, torna público que realizará processo de contratação na modalidade CONVITE, do tipo MENOR VALOR GLOBAL, para a contratação do objeto abaixo descrito. Este EDITAL será regido pelas condições contidas neste instrumento convocatório. O procedimento será iniciado pelo julgamento das propostas comerciais, e após a classificação das três melhores será iniciada a fase de habilitação, com a apreciação somente das referidas propostas classificadas. A documentação completa do Edital poderá ser examinada na Área de Gestão de Compras e Contratações, da FPTI-BR, no horário comercial, no endereço constante no CALENDÁRIO DE EVENTOS, podendo ainda ser solicitada via Os interessados neste Edital deverão encaminhar os dados cadastrais ao endereço eletrônico conforme modelo do Anexo III, no período e horário fixados no Preâmbulo deste Edital, informando no campo assunto o número do Edital, para que os mesmos possam, com antecedência, obter suas autorizações de entrada na Barreira de Controle da Itaipu, conforme normas de segurança exigidas pela Itaipu Binacional, para participação no dia da sessão. Não sendo encaminhados os dados cadastrais no prazo estipulado no preâmbulo, o representante não poderá estar presente no dia da sessão, porém a empresa não estará impedida de participar deste Edital, podendo encaminhar sua proposta por via postal. 1. OBJETO 1.1. O presente Edital tem por objeto a seleção de Proposta Comercial mais vantajosa sob a forma de Registro de Preços para Contratação, Sob Demanda, de Serviços de Manutenção Preventiva, Corretiva e Pequenas Adequações de Obras, no Parque Tecnológico Itaipu Brasil, conforme condições descritas no Anexo I Termo de Referência 1.2. A existência de valores registrados não obriga a FPTI-BR a formar as contratações que deles poderão advir, facultando-se a realização de processo de compras específico para aquisição pretendida, sendo assegurado ao beneficiário do registro a preferência de fornecimento em igualdade de condições As proponentes deverão apresentar cotação por item, elaborando-a no mesmo modelo constante do Anexo II e na Planilha de Preços Unitários, disponível no 1 Designada pela Resolução do Conselho Diretor RCD nº 016/2008, alterada pelas Resoluções nº 027/2008, 053/2008, 029/2009, 018/2010 e 062/2011. Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 2 de 74

3 site A proponente deverá apresentar valores na quantidade solicitada pela FPTI-BR, não podendo portanto, alterar estes dados no modelo do Anexo II ou na Planilha de Preços Unitários. A quantidade informada na Planilha é meramente estimada, para efeito de julgamento das propostas, não sendo garantia de faturamento. 2. CONDIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO 2.1. Podem participar do presente processo todos os interessados, cuja finalidade e ramo de atuação sejam pertinentes ao objeto definido neste Edital Estarão impedidos de participar de qualquer fase do processo, as proponentes que se enquadrem em uma ou mais das situações a seguir: Empresas que se encontrem sob falência, recuperação judicial, concurso de credores, dissolução, liquidação, em regime de consórcio qualquer que seja sua forma de constituição, empresas estrangeiras que não funcionem no País, nem aquelas declaradas inidôneas para licitar ou contratar com a Administração Pública Direta ou Indireta, punidas com suspensão do direito de licitar e contratar com a FPTI-BR ou a ITAIPU, bem como as suspensas no Cadastro de Fornecedores da ITAIPU; Membros do conselho de curadores, do conselho diretor, do conselho fiscal e empregados da FPTI-BR, ainda que cedidos, respectivos conjugues ou companheiros, e seus parentes até segundo grau; Empresas de que participem pessoas a que se refere o item anterior, ou exerçam funções de direção ou administração, exceto no caso de participação de até 5% (cinco por cento) como acionista de empresa de capital aberto, ou Entidade sem fins lucrativos A proponente adjudicatária não poderá subcontratar com outra proponente que participar deste Edital A participação da proponente neste certame implica manifestação tácita de que: Respeita a legislação Trabalhista e Previdenciária; Respeita a legislação que lhe é aplicável quanto à contratação de menores; Reconhece que o PTI-BR tem caráter permanente, focado em pesquisas, logo primará pela qualidade dos serviços prestados; Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 3 de 74

4 Não se enquadra em nenhuma das condições impeditivas para contratação com a FPTI-BR, conforme relacionadas no item 2.2 deste Edital. 3. PROPOSTAS E DOCUMENTAÇÃO 3.1. As propostas e a documentação deverão ser entregues, em 01 (uma) via, em envelopes distintos lacrados ou colados e rubricados As propostas devem ser escritas com clareza, em língua portuguesa, digitadas ou datilografadas, rubricadas em todas as folhas e assinadas na última Os documentos deverão ser impressos, rubricados ou assinados pelo responsável ou representante legal da proponente Os envelopes contendo a proposta e a documentação deverão ser subscritos em sua parte frontal com os seguintes dizeres: ENVELOPE 1 PROPOSTA COMERCIAL PROCESSO Nº. 0096/12 FPTI BR EDITAL FPTI Nº. 040/12 IDENTIFICAÇÃO DA EMPRESA ENVELOPE 2 HABILITAÇÃO PROCESSO Nº. 0096/12 FPTI BR EDITAL FPTI Nº. 040/12 IDENTIFICAÇÃO DA EMPRESA 3.5. A inversão dos documentos entre os envelopes, acarretará a exclusão sumária da proponente A proponente arcará com todos os custos relativos à elaboração e submissão de sua proposta. A FPTI-BR não será responsável por nenhum desses custos, independentemente do desenvolvimento e resultado do processo de contratação Todos os documentos dos envelopes deverão estar numerados sequencialmente, da primeira à ultima folha, de modo a refletir o seu número exato. 4. PROPOSTA COMERCIAL ENVELOPE Nº O envelope nº. 01 deverá conter Proposta Comercial digitada e assinada por pessoa legalmente habilitada com poderes para se comprometer em nome da proponente, sem alternativas, condições, emendas, rasuras ou entrelinhas a ser elaborada preferencialmente em papel timbrado da proponente, devendo ser apresentada de Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 4 de 74

5 acordo com o modelo contido no Anexo II deste Edital e a Planilha de Preços Unitários, disponível no site O Valor proposto em porcentagem será com base em moeda corrente nacional, em algarismos, e deverá incluir todos os custos/benefícios, fretes, impostos, taxas, tributos e encargos inerentes, seguros, transportes, passagens, alimentação, estadias e demais despesas de qualquer natureza incidentes sobre a execução do objeto Cada proponente deverá apresentar apenas uma Proposta Comercial Serão considerados, para fins de julgamento, os valores constantes na proposta até, no máximo, dois algarismos após a vírgula A proposta deverá ter prazo de validade de 60 (sessenta) dias, a contar da data da sessão de abertura dos envelopes. Na ausência de indicação expressa do prazo de validade da proposta, considerar-se-á tacitamente indicado o prazo de 60 (sessenta) dias Será de inteira responsabilidade da proponente os preços ofertados, não se levando em consideração reclamações por erros ou equívocos manifestados após a abertura das propostas Fica entendido que o Termo de Referência, contendo as especificações dos serviços e toda a documentação do procedimento deste Edital são complementares entre si, de modo que qualquer detalhe, que se mencione em um documento e se omita em outro será considerado especificado e válido. 5. DOCUMENTAÇÃO PARA HABILITAÇÃO ENVELOPE Nº As proponentes, relativamente à HABILITAÇÃO JURÍDICA deverão apresentar: Em se tratando de: sociedade empresária: Ato Constitutivo, estatuto ou contrato social e todos os seus aditivos, devidamente registrados. No caso de sociedade por ações, também os documentos de eleição de seus administradores; No caso de sociedade civil, inscrição do ato constitutivo acompanhada de prova de diretoria em exercício; empresa individual: Requerimento de Empresário ou Certidão Simplificada da Junta Comercial; Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 5 de 74

6 empresa ou sociedade estrangeira em funcionamento no país: decreto de autorização e ato de registro ou autorização para o funcionamento, expedido pelo órgão competente Declaração de Inexistência de Débitos em relação à Itaipu Binacional, conforme modelo do Anexo V Declaração de Inexistência de Parentesco, conforme modelo do Anexo VI; 5.2. Quanto à QUALIFICAÇÃO TÉCNICA deverá apresentar: Certidão de Registro de Pessoa Jurídica no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA) em nome da PROPONENTE; Certidão de Registro de Pessoa Física no Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia (CREA) em nome do PROFISSIONAL DESIGNADO para este objeto; Apresentação de no mínimo 02 (dois) Atestados/Certificados emitidos por pessoa jurídica de direito público ou privado, de desempenho anterior, em nome da PROPONENTE, onde conste que a proponente executou satisfatoriamente OBRA CIVIL ou de SERVIÇO DE MANUTENÇÃO PREDIAL, sendo um deles do ano de 2010 e outro do ano de Documentação relativa à qualificação ECONÔMICO FINANCEIRA: Certidões negativas expedidas pelos cartórios de protesto da sede da empresa ou domicílio da pessoa física; Certidão expedida pelos distribuidores cíveis e de execuções fiscais da Justiça Federal e Estadual; Na hipótese de ser constatada, através das certidões emitidas pelos cartórios distribuidores (item anterior), apenas a existência de ações judiciais diversas de Falência ou Recuperação Judicial, será facultado a Comissão Permanente de Contratações diligenciar no sentido de esclarecer se as ações existentes podem levar a proponente à situação de insolvência e/ou inexecução do contrato, solicitando à Proponente que apresente Certidão Explicativa (expedida pelos cartórios distribuidores competentes) ou outro documento similar Caberá à proponente, apresentar juntamente com a certidão positiva e Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 6 de 74

7 demais documentos de habilitação jurídica, no caso do item anterior, cópia da sentença e acórdão se houver, bem como certidão expedida pelo cartório onde tramita a ação, pormenorizando as seguintes informações processuais: número dos autos, partes, valor atual da causa, fase processual, situação processual, existência de penhora, valor da avaliação do(s) bem(ns) penhorado(s) Certidão negativa de falência ou recuperação judicial, expedida pelo Distribuidor da sede da proponente Documentação relativa à REGULARIDADE FISCAL: Prova de inscrição no Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica CNPJ; Prova de inscrição no Cadastro de Contribuintes Estadual e Municipal, se houver, da sede da pessoa jurídica, pertinente ao seu ramo de atividade e compatível com o objeto do Edital; Prova de regularidade para com a Fazenda Federal, Estadual e Municipal, da sede da pessoa jurídica; Prova de regularidade perante Seguridade Social INSS; Prova de regularidade perante o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço - FGTS Os documentos necessários à habilitação poderão ser apresentados em original, cópia simples ou autenticada por cartório ou publicação em órgão da imprensa oficial e devem estar com o prazo de validade em vigor. Quando o prazo de validade não estiver expresso no documento, o mesmo será aceito com data de emissão não superior a 60 (sessenta) dias do recebimento dos envelopes Somente serão aceitos documentos apresentados em cópia simples, se estiver presente na sessão o representante da empresa, o qual deverá, OBRIGATORIAMENTE, ter consigo os documentos originais para conferência dos mesmos pela Comissão Permanente de Contratações Quando se tratar de cópia de documento obtido através da Internet, este não precisa ser autenticado, uma vez que terá sua validade confirmada pela Comissão Permanente de Contratações A proponente poderá consultar a Área de Compras da FPTI-BR, com antecedência de até 24 horas antes da sessão, com o intuito de se certificar de quais documentos poderá dispensar sua apresentação. Para tanto, deve solicitar a emissão da Certidão Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 7 de 74

8 de Documentos Disponíveis no Cadastro de Fornecedores da FPTI-BR, junto a Área de Compras nos contatos descritos no Calendário de Eventos. Este documento poderá ser apresentado em cópia simples, e deverá fazer parte dos documentos de HABILITAÇÃO. 6. PROCEDIMENTOS 6.1. Os envelopes nº 1 (Proposta Comercial) e nº 2 (Habilitação) serão recebidos, IMPRETERIVELMENTE, no dia, hora e local estabelecidos no Calendário de Eventos constantes no preâmbulo deste Edital, não sendo aceito nenhum argumento de justificativa para atrasos É responsabilidade da proponente a observação das regras de cadastramento para entrar nas dependências da FPTI-BR A abertura dos envelopes será realizada no dia, hora e local estabelecidos no Calendário de Eventos constantes no preâmbulo deste Edital Os representantes das empresas deverão apresentarem-se munidos de: Documento oficial de identificação; Carta de credenciamento, conforme Anexo IV deste Edital, e/ou procuração com firma reconhecida e que comprove, na forma da lei, ter poderes para praticar atos pertinentes ao presente certame e em nome da proponente, inclusive para receber intimação e desistir de interpor recursos e manifestar-se oficialmente em nome desta. Em qualquer dos casos deverá ser apresentado o ato constitutivo da proponente, a fim de ser verificado pela Comissão Permanente de Contratações se a outorga de poderes foi realizada por pessoa habilitada a responder pela proponente; Em se tratando de sócio ou proprietário, que tenha poderes para responder individualmente pela pessoa jurídica proponente, apresentar o ato constitutivo da mesma (Registro Comercial, Estatuto ou Contrato Social). Em qualquer dos casos, acompanhado de documento de identidade oficial; A não-apresentação dos documentos descritos nos itens 6.4.1, e 6.4.3, não implicará desclassificação ou inabilitação da proponente, mas impedirá o representante de manifestar-se e responder pela proponente Após o credenciamento dos representantes das proponentes, a Comissão Permanente de Contratações da FPTI-BR realizará a abertura dos envelopes. Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 8 de 74

9 6.6. A abertura do envelope n o 1, contendo as Propostas Comerciais, será realizado pela Comissão Permanente de Contratações da FPTI-BR, na forma e sequência que se segue: A abertura dos envelopes contendo as Propostas Comerciais; Iniciada a sessão de abertura das propostas, não cabe a desistência da proponente, salvo por fato superintendente e aceito pela FPTI-BR A verificação da conformidade e compatibilidade da Proposta Comercial e Técnica com os requisitos e especificações do Edital, pela Comissão Permanente de Contratações para a aceitabilidade da mesma; Após a apresentação da proposta, não caberá desistência, salvo por motivo justo decorrente de fato superveniente e aceito pela Comissão A promoção da desclassificação imediata das propostas comerciais desconformes, incompatíveis, ou conforme o Item O julgamento e classificação das propostas, de acordo com os critérios de avaliação constantes neste Edital O registro, na ata da sessão pública do resultado do julgamento, seguindo-se com a leitura e divulgação do mesmo aos presentes Convite aos representantes das proponentes presentes, e que possuam poderes para tanto, para que querendo, renunciem expressamente ao direito de interposição de recurso quanto à decisão Registro em ata da manifestação dos representantes Havendo a renúncia expressa ao direito de interpor recurso por parte de todas as proponentes, a Comissão Permanente de Contratações formalizará o ocorrido em ata e abrirá, na mesma sessão pública, os invólucros contendo a documentação para Habilitação somente das proponentes classificadas nos 03 (três) primeiros lugares Não havendo a renúncia ao direito de interpor recurso por qualquer das proponentes, consignar-se-á em ata o ocorrido seguindo-se com a coleta das assinaturas dos representantes presentes, dando-se por encerrada a sessão pública, abrindo-se, com isso, o prazo para a interposição de recurso Decorrido o prazo recursal sem interposição, ou julgados os recursos interpostos, a Comissão Permanente de Contratações promoverá, em nova Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 9 de 74

10 sessão pública prévia e especialmente convocada para tanto, a abertura dos envelopes 2 Habilitação somente dos proponentes classificados nos 03 (três) primeiros lugares A abertura do envelope nº. 2, contendo a documentação para a habilitação, das proponentes que apresentaram as melhores propostas, para verificação do atendimento das condições fixadas no Edital, ocorrerá na forma e sequência que se segue: Abertura do envelope seguindo com a numeração sequencialmente da documentação e após, rubricado pela Comissão Permanente de Contratações e representantes das proponentes presentes Apreciação e deliberação da documentação, e julgamento da conformidade com as exigências deste Edital, seguindo com a lavratura em ata da sessão pública e, após, divulgação e assinatura pelos presentes Declaração da vencedora do certame, pela Comissão Permanente de Contratações, constatado o atendimento pleno das exigências do Edital, podendo ser feita a adjudicação do objeto do presente Edital Convite aos representantes das proponentes presentes, e que possuam poderes para tanto, para que querendo, renunciem expressamente ao direito de interposição de recurso quanto à decisão Registro em ata da manifestação dos representantes Havendo a renuncia a Comissão Permanente de Contratações formalizará o ocorrido e dando-se por encerrada a sessão Não havendo a renúncia ao direito de interpor recurso por qualquer das proponentes, consignar-se-á em ata o ocorrido seguindo-se com a coleta das assinaturas dos representantes presentes, dando-se por encerrada a sessão pública, abrindo-se, com isso, o prazo para a interposição de recurso Os envelopes contendo a documentação de habilitação das proponentes desclassificadas serão devolvidos, ainda fechados, por correio, após a efetiva contratação da proponente melhor classificada. Caso deseje manter a referida documentação no processo, estes serão remetidos para o cadastro físico de fornecedores da FPTI-BR. Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 10 de 74

11 7. CRITÉRIOS DE JULGAMENTO DAS PROPOSTAS 7.1. O presente Edital será julgado pelo critério de MENOR VALOR GLOBAL Classificação das Propostas As propostas que atenderem as exigências do Edital serão classificadas pela Comissão Permanente de Contratações; Classificadas as propostas comerciais, por ordem crescente dos resultados obtidos, será declarada vencedora a proponente que apresentar o MENOR VALOR GLOBAL ; Não se considerará nenhuma oferta de vantagem não prevista neste Edital, nem valor ou vantagem baseada nas propostas comerciais das demais proponentes; Havendo propostas com valores contendo mais de duas casas decimais, serão consideradas apenas duas, desprezando-se as demais; Para o desempate de propostas comerciais de preços iguais, a Comissão Permanente de Contratações designará dia e hora para que as proponentes empatadas apresentem novas propostas de preço e, se nenhum deles puder ou manifestar interesse em formular nova proposta, o Edital será decidida por sorteio público entre os igualados; Após o cumprimento de todas as formalidades legais, a Comissão Permanente de Contratações remeterá o processo de contratação à autoridade competente para fins de homologação e adjudicação, se for o caso Desclassificação de Propostas Comerciais Que não atenda as exigências deste Edital; Que sejam inferior a 70% (setenta por cento) do menor da média aritmética dos valores propostos e validados pela Comissão; Que ultrapasse o valor máximo unitário de cada Item, descrito na Planilha de Preços Unitários, disponível no site Elaborada em desacordo com o modelo constante do Anexo II, Modelo de Proposta Comercial ou da Planilha de Preços Unitários, se tal circunstância impedir o julgamento dos valores; Se todas as proponentes forem desclassificadas, é facultado à FPTI-BR solicitar a apresentação de novas propostas no prazo de até 05 (cinco) dias úteis contados da Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 11 de 74

12 data da solicitação A Comissão Permanente de Contratações, a seu exclusivo juízo, poderá suspender a sessão para melhor exame e avaliação das propostas apresentadas, designando, desde logo, nova data para prosseguimento e divulgação do resultado, independentemente de publicação. O não comparecimento de qualquer proponente ao prosseguimento da sessão não impedirá que a mesma se realize, não cabendo, nesta hipótese, qualquer protesto ou reclamação posterior A autoridade competente para aprovação do procedimento de contratação somente poderá revogá-lo por razões de oportunidade e conveniência decorrentes de fato superintendente devidamente demonstrado, devendo anulá-la por ilegalidade, mediante parecer escrito e fundamentado Os erros formais ou materiais irrelevantes serão objeto de saneamento, mediante ato motivado da Comissão Permanente de Contratações Adjudicação da Proposta Vencedora Após o cumprimento de todas as formalidades legais, a Comissão Permanente de Contratações remeterá o processo de contratação à autoridade competente para fins de homologação e adjudicação, se for o caso. 8. CRITÉRIOS DE JULGAMENTO DA HABILITAÇÃO 8.1. A documentação para a habilitação deverá atender as exigências contidas neste Edital, sendo que a inobservância implicará inabilitação da proponente, salvo hipótese em que a Comissão Permanente de Contratações, mediante diligência, possa sanar a falha A FPTI-BR poderá conceder aos proponentes o prazo de 03 (três) dias úteis para a juntada de certidões ou documentos complementares aos documentos devidamente apresentados em data oportuna, com o intuito único de retratar situação fática ou jurídica Na hipótese de inabilitação da proponente classificada em primeiro lugar, segundo o critério de julgamento das Propostas, a Comissão Permanente de Contratações: convocará a proponente remanescente, por ordem de classificação, para que, querendo, se manifeste favoravelmente em realizar o objeto deste Edital ao valor da proponente que resultou classificada em primeiro lugar e, consequentemente, menor Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 12 de 74

13 valor no certame; Exceto se algum dos motivos da desclassificação seja Qualificação Técnica; em havendo a recusa da proponente convocada na forma do item anterior, convocar-se-á a seguinte classificada, pela ordem, até a manifestação pelo aceite ou, então, pela desistência de todas; Com a aceitação do menor valor, será realizada a abertura do invólucro contendo a documentação de habilitação da proponente remanescente, na ordem de classificação, e assim sucessivamente, até a obtenção de 03 (três) proponentes habilitadas; 8.3. Ocorrendo a inabilitação de todas as proponentes, é facultado à Comissão Permanente de Contratações solicitar a apresentação de nova documentação, escoimadas das causas que implicaram inabilitação. O prazo para a apresentação, é de até 05 (cinco) dias úteis contados da data da solicitação. 9. RECURSOS 9.1. Das decisões proferidas neste Procedimento de Contratações quanto ao julgamento das propostas comerciais, habilitação, inabilitação, revogação ou anulação, caberá recurso, sem efeito suspensivo e em única instância, que deverá ser interposto no prazo de até 02 (dois) dias úteis contados da data de recebimento da respectiva comunicação, sob pena de preclusão O recurso deverá ser digitado, rubricado e assinado por pessoa legalmente habilitada com poderes para representar a proponente, sem emendas, rasuras ou entrelinhas e protocolizado na Área de Compras, na sede da FPTI-BR conforme endereço no preâmbulo deste Edital, endereçado ao Diretor Superintendente da Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Interposto o recurso, dar-se-á conhecimento de seus termos aos demais proponentes, que poderão impugná-lo no prazo de 02 (dois) dias úteis a contar do recebimento da respectiva comunicação. As impugnações ao recurso deverão ser feitas nos moldes do recurso, conforme especificado no item anterior Após interposição de recurso e de suas respectivas contrarrazões, caberá à Comissão Permanente de Contratações da FPTI-BR a elaboração de documento onde constará relato dos fatos ocorridos, bem como suas considerações e entendimento no tocante Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 13 de 74

14 ao mérito recursal, visando dar embasamento à decisão a ser proferida pelo Conselho Diretor da FPTI-BR A decisão será proferida pelo Conselho Diretor da FPTI-BR, o qual: a) em concordando com o entendimento manifestado pela Comissão Permanente de Contratações, o acolherá tornando-se este o fundamento de sua decisão; b) em discordando total ou parcialmente, exporá o seu posicionamento, proferindo decisão fundamentada Na contagem dos prazos, excluir-se-á o dia de início e incluir-se-á o do vencimento. Os prazos aqui referidos só iniciam e vencem nos dias úteis para a FPTI-BR A FPTI-BR comunicará a todas as proponentes o resultado do recurso interposto A proponente que injustificadamente e infundadamente se insurgir contra a decisão da Comissão Permanente de Contratações ou da autoridade superior, quer através da interposição de recurso ou ação judicial, fica, desde logo, ciente de que acaso seja o seu pedido indeferido, será acionada, judicialmente, para repor os danos causados à FPTI-BR, se ficar comprovado, através do devido processo legal, que sua ação teve caráter procrastinatório. 10. DO PRAZO E CONDIÇÕES DE ENTREGA Adjudicado o objeto do presente Edital, a FPTI-BR poderá convocar a empresa vencedora para assinar o respectivo contrato no prazo de até 05 (cinco) dias corridos, a contar do recebimento da respectiva comunicação, através de fac-símile ou correio eletrônico O prazo para a assinatura do Contrato poderá ser prorrogado por igual período, desde que a vencedora tenha seu pedido de prorrogação justificado e aceito pela FPTI-BR Na hipótese da vencedora deste edital não assinar o contrato, no prazo e nas condições estabelecidas neste Edital, a FPTI-BR poderá aplicar, conforme o caso, as sanções previstas neste instrumento, caracterizada como descumprimento total das obrigações assumidas Ocorrendo a hipótese prevista no item anterior, a FPTI-BR, a seu exclusivo critério, poderá: Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 14 de 74

15 a) Convocar as proponentes remanescentes, na ordem de classificação, para assinar o contrato nas mesmas condições e valores da primeira classificada, ou; b) Revogar este Edital O prazo de vigência do Contrato de registro de Preço será de 01 (um) ano, contados a partir da data de sua assinatura A execução do objeto deverá ser feita conforme prazo disposto no Termo de Referência (Anexo I), contado a partir do recebimento de cada Ordem de Serviço. 11. PENALIDADES Caso a empresa vencedora se recuse a assinar o contrato ou convidada a fazê-lo não cumpra-o no prazo fixado, garantida prévia e fundamentada defesa, será considerada inadimplente e estará sujeita às seguintes sanções: Multa de 10% (dez por cento) do valor da Proposta Comercial vencedora; Responder por perdas e danos ocasionados à FPTI-BR, levando-se em conta as circunstâncias que tenham contribuído para a ocorrência do fato; Impedimento de participar de licitação e de contratar com a FPTI-BR, por prazo a ser determinado pela FPTI-BR, não podendo ser superior a 02 (dois) anos No caso de atraso na execução, de descumprimento de cláusula contratual, de inexecução parcial ou total do objeto do contrato, a FPTI-BR aplicará as sanções estipuladas na Minuta do Contrato, Anexo VIII deste Edital A empresa participante do presente Edital que praticar, por meios dolosos, fraude fiscal no recolhimento de qualquer tributo, ou atos ilegais visando frustar os objetivos deste procedimento de contratação, retirar sua Proposta Comercial após conhecer os valores das demais participantes, ou ainda demonstrar não possuir idoneidade para contratar com a FPTI-BR, em virtude de quaisquer outros atos ilícitos praticados, estará sujeita às penalidades previstas nos subitens e e outras que couberem Sem prejuízo das penalidades previstas neste Edital, a Comissão Permanente de Contratações poderá inabilitar a participante ou desclassificar a Proposta Comercial sem que isto gere direitos indenizatórios ou de reembolso, caso tome conhecimento Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 15 de 74

16 de fato ou circunstância, anterior ou posterior ao julgamento do procedimento de contratação, que revele a inexatidão ou inveracidade das habilidades demonstradas. 12. CONDIÇÕES DE PAGAMENTO O pagamento da execução do objeto será efetuado em 10 (dez) dias úteis, contados a partir da data da conclusão de cada Ordem de Serviço, de acordo com o contantes no Anexo VIII Minuta do Contrato O pagamento está condicionado à entrega da solicitação do mesmo, a aprovação pela FPTI-BR do fornecimento e serviços realizados, a entrega da documentação completa exigida para liberação do pagamento conforme prazos constantes no Anexo VIII Minuta do Contrato Empresas enquadradas no simples, isenta ou imune de retenção tributária ou que esteja enquadrada em qualquer situação especial, deverá entregar juntamente com cada nota fiscal a declaração da isenção e enquadramento dos impostos. 13. DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA Os recursos financeiros previstos para atender as despesas decorrentes do Objeto, correrão à conta de cada Ordem de Serviço, emitida pela Área/Programa/Projeto requisitante; Em razão da origem do recurso, a norma aplicada ao presente procedimento é a Resolução do Conselho Diretor nº. RCD 080 de 14 de dezembro de DILIGÊNCIA A Comissão Permanente de Contratações da FPTI-BR, em qualquer fase do processo, poderá diligenciar no sentido de obter esclarecimentos, confirmar informações ou permitir sejam sanadas falhas formais de documentação que complementem a instrução do processo, fixando o prazo para a resposta. Fica vedada a inclusão posterior de documento ou informação que deveria constar originariamente da DOCUMENTAÇÃO DE HABILITAÇÃO ou da PROPOSTA COMERCIAL. Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 16 de 74

17 15. CASOS OMISSOS Os casos omissos neste Edital serão decididos pela Comissão Permanente de Contratações. As normas que disciplinam este procedimento serão sempre interpretadas em favor da ampliação da disputa entre as proponentes, desde que não comprometam a finalidade e a segurança da contratação. 16. DISPOSIÇÕES FINAIS Para dirimir quaisquer dúvidas, o proponente poderá entrar em contato com a Comissão Permanente de Contratações, pelo As perguntas e respostas estarão disponíveis à todas as proponentes no site e constituirão parte integrante deste Edital Este Edital poderá ser: a) Anulado, a qualquer tempo, por ilegalidade constatada em qualquer fase do processo; b) Revogada, por conveniência e oportunidade da FPTI-BR, em decorrência de motivo superveniente, pertinente e suficiente para justificar o ato; c) Adiado, por motivo justificado. 17. ARBITRAMENTO E FORO Para dirimir toda e qualquer dúvida e/ou divergência oriunda do presente Edital, será competente o Foro da Comarca de Foz do Iguaçu, Estado do Paraná. Foz do Iguaçu, 29 de maio Juan Carlos Sotuyo Diretor Superintendente Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 17 de 74

18 Márcio Ribeiro Luzia Diretor Administrativo/Financeiro Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 18 de 74

19 ANEXO I TERMO DE REFERÊNCIA 1. OBJETIVO 1.1 Contratação de empresa especializada, em formato de registro de preços, para a execução de manutenção preventiva, corretiva e pequenas reformas/adequações das edificações da Fundação Parque Tecnológico Itaipu - FPTI, compreendendo as instalações elétricas, hidráulicas e sanitárias, estruturas de concreto, metálicas e de madeira, pisos, forros, coberturas, esquadrias, pintura, carpintaria, marcenaria, acabamentos e demais serviços da área civil, elétrica e hidráulica. 2. RESPONSABILIDADE DA FISCALIZAÇÃO 2.1. A fiscalização da execução dos serviços será feita por representantes credenciados pela Fundação Parque Tecnológico Itaipu - FPTI, com autoridade para exercer toda e qualquer ação de orientação geral, controle e fiscalização dos serviços contratados São competências e responsabilidades da fiscalização: Exercer todos os atos necessários à verificação do cumprimento do contrato, dos projetos e das especificações, tendo livre acesso a todas as partes do canteiro de obra; Sustar qualquer serviço que não esteja sendo executado na conformidade das Normas da ABNT e dos termos das especificações, ou que atentem contra a segurança; 2.2.3Não permitir nenhuma alteração nas especificações, sem prévia justificativa técnica por parte da Contratada, cuja autorização ou não, será feita também por escrito; Decidir os casos omissos nas especificações técnicas; Registrar as irregularidades ou falhas que encontrar na execução das obras e serviços; Controlar o andamento dos trabalhos em relação aos cronogramas e as ordens de serviços (OS) A FPTI, exercerá a função de acompanhar o serviço realizado pela Contratada, sobre o cumprimento das disposições contidas nesta Especificação Técnica e no Contrato. Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 19 de 74

20 2.4. Todo o entendimento entre a FPTI e a Contratada deve ser formalizado. Os contatos verbais, admissíveis nos casos de urgência, devem ser documentados dentro de 48 horas. 3. INFORMAÇÕES DE CARÁTER GERAL 3.1. Os preços unitários ou globais (mão de obra e materiais) deverão contemplar todos os custos de mão de obra, materiais e equipamentos necessários à execução dos serviços, não cabendo à FPTI nenhum pagamento e/ou reembolso específico de despesas da CONTRATADA, sob qualquer pretexto Na formulação do Preço global a Contratada deverá levar em consideração o turno (T) de trabalho, horário diário normal, que representa 44 horas semanais, distribuídos de segundafeira à sábado, de acordo com a programação e as necessidades da FPTI Excepcionalmente poderá ocorrer demandas de serviços em horários como feriados, finais de semana e horários noturnos Na formulação dos preços dos serviços, a contratada deverá levar em conta que não haverá acréscimo por eventuais horas extras que a Contratada venha a executar, na hipótese de necessidade de recuperação de prazos contratuais em atraso, quando de sua responsabilidade, a critério da FPTI; 3.5. Todos os serviços deverão ser executados de acordo com o descrito no Termo de Referência, Normas Técnicas (ABNT e das concessionárias) ou como indicados pela fiscalização da FPTI; 3.6. Para efeito de elaboração da proposta deverá ser considerado que todos os documentos (Termo de Referência, Planilha de Preços Unitários e outros) são complementares entre si, sendo imprescindível a análise criteriosa dessa documentação É de importância grandeza a visitação ao local da obra para melhor entendimento da reforma e para maior facilidade na elaboração do orçamento. 4. CRITÉRIOS DE MEDIÇÕES 4.1. Estabelecer os Critérios de Medição dos serviços de mão de obra, materiais e Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 20 de 74

21 equipamentos para execução das obras e serviços de Manutenção preventiva, corretiva e reformas de pequeno porte nos prédios da FPTI Todo item(unidade) que se refira a: m - será medido pelo efetivamente aplicado; m² - será medido pela área efetivamente realizada; m³ - será fornecido pelo volume efetivamente fornecido, executado ou retirado; un - será medido por item aplicado; hr será medido por hora efetivamente trabalhada; Conj será por item aplicado 4.3. Pinturas Para pinturas, aplicação de massa corrida e lixamento em paredes de alvenarias ou madeira, considera-se a área efetivamente realizada; Para as esquadrias de madeira (janelas ou portas), multiplica-se a área do vão luz por dois; Para as esquadrias de aço (janelas ou portas), multiplica-se a área do vão luz por dois; Para grades e telas de ferro multiplica-se a área por dois Paredes As paredes com bloco cerâmico ou concreto não se desconta vãos inferiores a 1,00m², tanto para construção, chapisco, emboço e reboco Revestimentos Os revestimentos cerâmicos em paredes ou piso serão realizados conforme item a do critério de medição Coberturas A medição será conforme a projeção do pano do telhado. Será medido multiplicando o seu tamanho por metro linear ou por metro quadrado ou por unidade, caso haja troca/substituição isolada de peças, conforme unidades constatadas na planilha Serviços Gerais Transporte de materiais, como solo, areia, pedras, que envolva a unidade de volume, será medido na caçamba do veiculo de transporte após o seu carregamento; Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 21 de 74

22 O serviços de máquinas será considerado o deslocamento acrescido na hora efetivamente trabalhada atestada pela fiscalização. OBS: Para todos os demais itens da Planilha de Preços Unitários serão medidos conforme Item 4.2, Critério de Medição A FPTI, emitirá sempre uma solicitação de serviços, conforme Anexo I, para dar inicio aos serviços A CONTRATADA apresentará, mensalmente, planilha de medição dos serviços realizados e aprovados pela FPTI A planilha de medição dos serviços deverá estar em conformidade com as Ordens de Serviços (OS), emitidas pela FPTI. Planilha de O.S. conforme padrão do Anexo II Os quantitativos dos itens da Proposta Comercial não representam garantia de faturamento podendo a FPTI, executar a mais ou a menos esses quantitativos Os demais itens da Planilha de Preços Unitarios serão medidos por serviços efetivamente realizados com a discriminação dos valores da mão de obra e materiais utilizados O pagamento será de acordo com os quantitativos efetivamente realizados, de acordo com as Ordens de Serviços (O.S.), emitidas pela FPTI. 5. NORMAS DE SEGURANÇA E MEDICINA DO TRABALHO 5.1. Devem ser obedecida todas as recomendações, com relação à Segurança e Medicina do Trabalho, contidas no anexo referentes a esse assunto, em especial às referentes as NR-10 e NR Os serviços serão executados de segunda a sexta feira, no horário das 8:00hs às 12h, e das 14h às 18:00hs, respeitando as folgas e compensações, de acordo com o calendário de feriados praticado na FPTI Os serviços devem ser executados por pessoal especializado e habilitado, com as respectivas ferramentas e equipamentos de segurança necessário à sua execução. Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 22 de 74

23 5.4. Todo ato de irregularidade observado pela fiscalização, deve gerar o aviso verbal de irregularidade, bem como notificação de irregularidade por escrito. 6. EXECUÇÃO 6.1. A CONTRATADA é considerada como perfeita e totalmente informada quanto ao local dos serviços, os materiais disponíveis na área, a natureza e características do solo e outros dados que possam influir no desenvolvimento normal dos trabalhos, não podendo alegar o desconhecimento de tais elementos Todo o material fornecido pela CONTRATADA deverá ser novo e de primeira linha, sem defeito de fabricação e ter prévia aprovação da FPTI. Quando a FPTI rejeitar algum material, e se necessário lançará no Diário de Obras os motivos, e a CONTRATADA é obrigada a retirar imediatamente da obra os materiais rejeitados As marcas mencionadas são referenciais. Outras marcas poderão ser aceitas mediante aprovação da FPTI Os serviços serão executados conforme a orientação da FPTI e em caso de não serem aprovados ou que se apresentarem defeituosos em sua execução, serão refeitos por conta da CONTRATADA, estando sujeita, inclusive, às penalidades previstas no contrato Quando forem mencionadas marcas ou patentes acompanhadas de ou similar, a aceitação ficará a critério da FPTI, que justificará a não aceitação A CONTRATADA quando executando os serviços objetos deste contrato manterá permanentemente, no escritório do PTI, um Encarregado Geral, devidamente credenciado e aprovado pela FPTI, o qual receberá as Ordens de Serviços(OS) emitidas pela FPTI, bem como as orientações gerais, que deverão ser repassadas aos demais empregados da CONTRATADA É de responsabilidade da CONTRADA o fornecimento de ferramentas, EPI e EPC, para seus Empregados, bem como fornecer o transporte para os mesmos até o PTI e para as frentes de serviços A CONTRATADA indicará, no prazo de até cinco dias corridos antes do início da execução Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 23 de 74

24 dos serviços, um representante e seu substituto eventual, para responder perante a FPTI O encarregado geral, com comprovada experiência em serviços similares ao objeto deste Contrato, deve pertencer ao quadro próprio da CONTRATADA, comprovado por meio da apresentação de cópia de seus registros nas Carteiras de Trabalho e Previdência Social como empregados na função indicada A CONTRATADA se compromete a substituir seu representante ou encarregado quando, comprovadamente, estes não atenderem aos objetivos da função para o cumprimento deste Contrato Na consecução deste Contrato, os seguintes serviços poderão ser objeto de subcontratação: fornecimento e colocação de vidro e espelhos; serviços de aplicação de película refletiva para vidros; fornecimento e colocação de divisória; fornecimento e instalação de granito; fornecimento e colocação de piso vinílico ou Carpet; serviços de lixamento de piso com máquina de rebolo; fornecimento e colocação de forro em PVC; serviços de serralheria e funilaria; serviços de retroescavadeira; serviços de desentupimento de tubulações e caminhão auto fossa; serviços de recolhimento de entulhos; Todos os materiais retirados ou para aplicação nos serviços objeto desta licitação, serão de responsabilidade da CONTRATADA e devem ser estocados em local apropriado, não podendo acumular-se de forma que prejudiquem o livre trânsito de pedestres ou que agridam o meio ambiente Os serviços serão executados com os prédios ocupados; daí a necessidade da retirada de entulho periodicamente, mantendo os prédios e passeios limpos Todas as instalações (elétricas, hidrossanitárias) deverão ser testadas à vista da FPTI. 7. DOCUMENTAÇÃO EXIGIDA PELA FPTI ANTES DO INÍCIO DOS SERVIÇOS Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 24 de 74

25 7.1. A CONTRATADA emitirá, antes do início dos serviços, carta endereçada à Gestão de Implantação e Manutenção de Infraestrutura, solicitando emissão de crachás para os empregados que prestarão os serviços objeto do Contrato, conforme modelo em anexo a este Termo de Referência, acompanhada de cópia perfeitamente legível dos seguintes documentos, sem os quais não serão emitidos os crachás: Cópia da ficha de registro dos empregados; Cópia da carteira de identidade dos empregados; Grupo sanguíneo de cada empregado; Caso o profissional não esteja registrado na Empresa (Ex.: Diretor, Proprietário, etc.), deverá ser apresentada cópia do Contrato Social onde esteja identificado o vínculo da pessoa com a Empresa Atestado médico realizado em no máximo seis meses A CONTRATADA solicitará a FPTI antes do inicio dos serviços, o impresso SOLICITAÇÃO DE PASSE PARA TRÂNSITO DE VEICULO NA CENTRAL DE ITAIPU A CONTRATADA deve indicar através de carta, os seus representantes bem como o Encarregado Geral, que deverá acompanhar todos os serviços deste contrato. 8. INSTALAÇÕES DA CONTRATADA 8.1. A CONTRATADA deverá instalar seu escritório e depósito de materiais nos locais definidos pela FPTI, no prazo máximo de duas semanas contadas a partir da assinatura do contrato, ficando responsável pela mobilização, manutenção e operação de todas as suas instalações durante o período de vigência do contrato A CONTRATADA terá como infraestrutura à sua disposição, pontos de energia elétrica e sanitário de uso comum As instalações cedidas à CONTRATADA deverão seguir as normas especificadas na NR-18 e deverão ser mantidas em ordem e limpas Ficarão a cargo exclusivo da CONTRATADA todas as providências correspondentes às instalações provisórias da mesma. Compreendendo o aparelhamento, maquinário e ferramentas necessárias à execução dos serviços. Será de responsabilidade da CONTRATADA a Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 25 de 74

26 limpeza e remoção dos entulhos das obras e suas instalações A desmobilização de todas as instalações da CONTRATADA deve ocorrer no prazo máximo de até dez dias úteis, após o fechamento da última medição do contrato Infraestrutura a disposição da CONTRATADA uma sala no PTI, para uso de escritório; uma sala no PTI, para uso de depósito; sanitário masculino de uso comum; pontos de energia elétrica Equipamentos são de responsabilidade da CONTRATADA 8.8. A infraestrutura cedida à CONTRATADA será de sua inteira responsabilidade e só poderá ser utilizada exclusivamente para o desenvolvimento das atividades relativas ao objeto deste contrato. 9. MATERIAIS DIVERSOS 9.1. Os materiais destinados à execução dos serviços, serão de primeira linha e estão sujeitos às condições estabelecidas neste Termo de Referência Retirada de Materiais A CONTRATADA é obrigada a retirar do local das obras, os materiais que forem refugados pela FPTI dentro do prazo de até três dias contados da data de notificação Depósito e Guarda Com prévia autorização da FPTI, a CONTRATADA depositará em locais apropriados e em segurança os materiais que por sua natureza o exigirem. Não poderá, sob nenhum pretexto, depositar no local das obras, materiais que não tenham emprego nas mesmas ou em maiores quantidades que as requeridas. Salvo para materiais suscetíveis de perdas ou quebras admitidos pela FPTI Materiais reaproveitados Todo material proveniente das demolições que estiver em condições de ser reaproveitado, deverá ser armazenado da mesma forma que o material novo. Fica a Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 26 de 74

27 cargo da CONTRATADA o transporte e o manuseio deste material até o depósito do PTI, podendo ser no Almoxarifado da ITAIPU à uma distância aproximada de 3Km Materiais não reaproveitáveis Os materiais não reaproveitáveis, deverão ser transportados para bota-fora ou local indicado pela FPTI a uma distância aproximada de 3 km Materiais novos O emprego de qualquer dos materiais, estará sujeito à aprovação da FPTI, que decidirá sobre a utilização dos mesmos em face das normas da ABNT e na falta destas, de certificados ou laudos emitidos por Institutos ou Laboratórios credenciados; Água - será limpa e isenta de óleos, ácidos, álcalis, sais minerais inconvenientes e vegetais; Areia - deverá ser isenta de sais, materiais orgânicos e quaisquer outros elementos que prejudiquem a sua qualidade; Cal - será utilizada a cal hidratada; Cimento Portland - serão aceitos os cimentos com acondicionamento original da fábrica. Serão rejeitados os cimentos empedrados. Os sacos de cimento deverão ser armazenados em local suficientemente protegido das intempéries, da umidade do solo e de outros agentes nocivos às suas qualidades; Aço Estrutural as barras, os fios de aço e as malhas soldadas para armações de concreto serão de acordo com a última edição da ABNT; Madeira - toda a madeira, para emprego definitivo, será bem seca, isenta de branco, caruncho ou broca; não ardida e sem nós ou fendas que comprometam sua durabilidade, resistência ou aparência. As de emprego provisório para andaimes, tapumes, moldes e escoras poderão ser de segunda qualidade, em tábuas ou caibros, com as dimensões necessárias aos fins a que se destinam, sendo admitido o uso de roliços desde que resistentes. As madeiras deverão apresentar-se serradas e beneficiadas de acordo com as normas técnicas da ABNT. Para as diversas partes da construção são mais aconselhadas as seguintes madeiras (NBR 7190): Portas: cedro, imbuia ou cerejeira; Para o madeiramento da cobertura: madeira de lei usada na região e aprovada pela FPTI; Forro: cedrilho; Tubulações Hidráulicas - para as tubulações de água potável fria utilizar tubulações de PVC, rígido, de primeira qualidade, obedecendo as normas técnicas da Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 27 de 74

28 ABNT. As conexões para canalizações de plástico obedecerão, naquilo que lhes for aplicável, às características gerais dos tubos Tintas - as tintas a serem utilizadas serão de primeira linha, em embalagem original, prontas ou preparadas e sujeitas às Normas da ABNT. As cores serão escolhidas pela FPTI. As marcas deverão ser apresentadas pela CONTRATADA e aprovadas pela FPTI; Vidros e Espelhos - os vidros planos e temperados utilizados na obra serão de primeira qualidade, não podendo apresentar bolhas, garoas, ondulações, estrias, sem manchas, espessura uniforme ou qualquer outro defeito e obedecerão as normas técnicas da ABNT. A película(isofilm) a ser utilizada será tipo jateada ou translúcida de boa qualidade com garantia de duração mínima de 05 anos Revestimento Cerâmico - deverão ser de primeira qualidade, sem manchas nem defeitos, classe PI5. Devem ser de marca consagrada pelo uso, estando sujeitas a avaliações por parte da FPTI. Deverá ser previsto o uso de espaçadores na colocação. Deverá ser previsto rejunte de primeira qualidade, com prévia aprovação da FPTI. 10. ESTRUTURAS DE CONCRETO A execução das estruturas de concreto deverá seguir rigorosamente o projeto estrutural, e atender ao disposto nas Normas Brasileiras em vigor, em particular a NBR 6118, no item referente à estrutura de concreto armado Dosagem do Concreto concreto deverá ser dosado racionalmente, de modo a assegurar, após a cura, a resistência indicada, levando-se em consideração o item 92 da NBR-6118, padrão de qualidade da obra; A resistência padrão deverá ser a de ruptura dos corpos de prova de concreto simples aos 28 dias de idade, executados e ensaiados de acordo com o método NBR da ABNT, em número nunca inferior a quatro corpos de prova para cada 15m³ de concreto lançado, ou sempre que houver alterações nos materiais ou no traço. A efetivação dos ensaios ficará a critério e sob a supervisão da FPTI; As padiolas de medição dos agregados devem ser marcadas distintamente para os agregados miúdos e graúdos. O fator água cimento deve ser rigorosamente observado, com a correção da umidade do agregado. Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 28 de 74

29 10.3. Emassamento do Concreto O emassamento deve ser mecânico, contínuo e durar o tempo necessário para homogeneizar a mistura de todos os elementos, inclusive eventuais aditivos Lançamento do Concreto O lançamento do concreto deverá sempre obedecer o plano de concretagem; O concreto deve ser lançado logo após o fim do amassamento. Entre este e o início do lançamento será tolerado intervalo máximo de 30 minutos; O concreto não aproveitado será rejeitado, não admitindo-se em hipótese alguma, a remistura; O adensamento deve ser efetuado cuidadosamente para que o concreto envolva completamente as armaduras e atinja todos os pontos das formas; O concreto nunca deverá ser lançado diretamente sobre o terreno (argila); Deverão ser tomadas precauções para que não se alterem as posições das armaduras durante os serviços de concretagem, nem se formem vazios; O adensamento deverá ser efetuado durante e imediatamente após o lançamento do concreto, por vibrador adequado Juntas de Concretagem Quando o lançamento de concreto for interrompido e assim, formar-se uma junta de concretagem, devem ser tomadas as precauções necessárias para garantir, ao reiniciar-se o lançamento, a superfície ligação do concreto já endurecido com o novo trecho Na execução das formas deverão ser observados: A reprodução fiel dos desenhos; A adoção de contra flecha, quando necessária; o nivelamento das vigas e lajes; o contraventamento de painéis que possam se deslocar quando do lançamento do concreto; os furos para passagem das tubulações; a vedação e escoramento das formas; a limpeza das formas; A execução das formas e do escoramento deverão ser feita de modo a facilitar a retirada dos seus diversos elementos. Antes do lançamento do concreto as formas deverão ser molhadas até a saturação. Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 29 de 74

30 10.7. A retirada das formas não deverá ocorrer antes dos seguintes prazos mínimos: dias para as faces laterais; dias para as faces inferiores, deixando-se pontaletes bem apoiados sobre cunhas e convenientemente espaçados; dias para as faces inferiores sem pontaletes Nenhum conjunto de elementos estruturais poderá ser concretado sem primordial e minuciosa verificação por parte da CONTRATADA e da FPTI, da perfeita disposição, dimensões e escoramento das formas e armaduras correspondentes, e bem assim sem prévio exame da correta colocação de tubulações elétricas, hidráulicas e outras que devam ficar embutidas na massa de concreto Na execução das armaduras deve-se observar: dobramento e transpasse das barras, de acordo com os desenhos; números de barras e suas bitolas; posição correta das barras; recobrimento mínimo 2,5cm; o dobramento e corte do aço deverão ser feito a frio, não se permitindo aquecimento, em caso algum; não serão admitidas emendas de barras não previstas no projeto estrutural. As emendas e comprimentos de ancoragem deverão estar de acordo com as Normas Técnicas vigentes As superfícies das barras deverão estar limpas de camadas de ferrugem, óleo, graxa e outras substâncias estranhas; A armadura deverá ser precisamente colocada e segura na posição, de modo que não seja deslocada durante o lançamento do concreto Vergas e Contravergas Serão executadas vergas e contravergas nas aberturas internas, tais como portas janelas etc., com vigas de concreto armado, nas dimensões compatíveis com os vãos ou conforme indicado pela fiscalização da FPTI Concreto Simples A camada impermeabilizante de concreto simples deverá ser executada depois de estar o terreno perfeitamente apiloado e nivelado, colocadas as canalizações que Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 30 de 74

31 devem passar por baixo do piso e executado o sistema de drenagem (quando houver). 11. PAREDES E ALVENARIAS As paredes de alvenaria serão executadas, com tijolos maciço, de 4, 6 ou de 21 furos (à vista), assentados com argamassa de cimento/cal/areia, no traço 1:2:6. Os tijolos cerâmicos devem ser bem cozidos, de material homogênio, duros e sem fissuras, de forma e dimensões regulares Sob temperaturas altas, ou ao sol, deve ser mantido úmido a ponto de não secarem antes da argamassa de assentamento Todas as fiadas serão perfeitamente alinhadas e aprumadas devendo a obra ser levantada uniformemente, evitando-se amarrações para ligações posteriores. Os paramentos serão perfeitamente planos e verticais. A argamassa que se estende entre duas fiadas terá espessura entre um e 1 e 1,5cm e será colocada cuidadosamente entre os tijolos a fim de evitar juntas abertas Para as alvenarias aparentes, os tijolos serão assentados com argamassa de cimento, areia e água. Os tijolos deverão permanecer impecavelmente limpos, as juntas perfeitamente alinhadas, uniformes e frisadas Para a fixação das esquadrias de madeira pode ser usado espuma expandida tipo poliuretano A fixação dos caixilhos de ferro será executada pela utilização de grapas de ferro em forma de cauda de andorinha, que serão chumbadas na alvenaria com argamassa de cimento e areia 1:3. A distância entre as grapas não deve exceder a 80cm em cada lado da esquadria. No caso das esquadrias serem fixados em concreto deverá ser usado bucha fischer ou similar Durante a elevação das paredes deve-se observar todos os procedimentos para a fixação dos contra marcos das esquadrias Não se permitirá o emprego de argamassa com mais de um dia a contar de sua preparação assim como a cal em pasta com menos de 48 horas após a sua completa queima. Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 31 de 74

32 11.9. Os rasgos nas paredes de alvenaria serão feitos manualmente ou mecanicamente utilizando equipamento com disco de corte As aberturas devem ter profundidade suficiente para embutir os tubos e possibilitar a colocação do revestimento da superfície Os tubos devem ser chumbados nos rasgos com massa no traço, 1:3, cimento e areia. A argamassa do chumbamento deve ficar rebaixada para possibilitar a colocação do revestimento da superfície. 12. REVESTIMENTO DAS PAREDES Argamassa Os revestimentos de argamassa devem apresentar-se perfeitamente desempenados, aprumados, alinhados e nivelados. As superfícies deverão ser limpas e abundantemente molhadas, antes do início do revestimento Deverá apresentar paramentos perfeitamente desempenados, prumados, alinhados e nivelados com as arestas vivas Os emboços e rebocos que apresentem defeitos, fissuras ou som ôco à batida, devem ser removidos e substituídos Antes de ser iniciado o revestimento, todas as canalizações e redes hidráulicas devem ser testadas à pressão recomendada para cada caso Chapisco Será aplicado chapisco de argamassa de cimento e areia no traço 1:3 em todas as paredes e embasamento Nas superfícies muito lisas ou pouco absorventes, a Fiscalização poderá determinar a utilização de uma quantidade de cola a base de PVA no chapisco Emboço/Reboco O emboço deve ser iniciado após a completa pega do chapisco, depois de embutidas todas as canalizações e colocados os marcos e aduelas; O emboço deverá ser fortemente comprimido e a superfície a revestir ser áspera para facilitar a aderência do reboco. A espessura máxima de emboço deverá ser Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 32 de 74

33 de 1,5cm. Para o emboço interno ou externo usar-se-á argamassa de cimento, cal e areia, traço 1:2: Proteção de Tubulações Os rasgos de tubulações elétricas ou hidráulicas, em paredes receberão emboço executado com argamassa de cimento e areia 1:3 numa faixa de aproximadamente 10cm para cada lado da tubulação, nas duas faces da parede Cerâmica As paredes a serem revestidas com cerâmica classe A, de primeira qualidade, na altura, cor, dimensões indicadas nos desenhos ou indicado pela FPTI, cuja amostra deverá ser aprovada pela FPTI; As superfícies a receberem o revestimento cerâmico deverão estar limpas e livres de sujeira, poeira, óleos, graxas e outras substâncias prejudiciais; Deve ser obtido um plano sem distorções, perfeitamente aprumado. Não serão aceitas juntas desaprumadas ou de espessuras irregulares; Os recortes necessários devem ser feitos com ferramentas apropriadas e as bordas rugosas deverão ser esmerilhadas para ficarem lisas. Não serão admitidas peças quebradas ou trincadas; O assentamento poderá ser feito com argamassa tipo colante. Usando sempre espaçadores, conforme determinação dos fabricantes. Os rejuntes deverão ser efetuados com argamassa pré-fabricada na cor determinada pela FPTI; As cerâmicas que depois de colocadas soarem ocas, deverão ser retiradas e assentadas novamente; Após o término dos trabalhos de assentamento da cerâmica, as paredes deverão ser completamente limpas a fim de serem removidas todas as manchas, restos de argamassa e outros materiais estranhos. 13. DIVISORIAS E PAINEIS As divisórias com revestimento de compensado serão com estrutura de madeira de 5x5cm, fixadas no piso e paredes com buchas 8 e revestidos com compensado de 6mm de primeira linha em ambos os lados. As juntas das chapas deverão ser arrematadas com filetes de madeira; As divisórias tipo naval, serão compostas por perfis de aço galvanizado com pintura epóxi eletrostática, do tipo simplificado e duplo e painéis com espessura de 35mm, com miolo celular e revestimento com chapas de madeira prensada, pintadas Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 33 de 74

34 com acabamento de fábrica. As cores serão definidas pela fiscalização da FPTI; A montagem das divisórias deverão seguir as recomendações do fabricante. 14. CONTRAPISOS E PISOS Aterro Apiloado O aterro será executado em camadas de 20cm, compactadas com "Sapo Mecânico" ou outra técnica aprovada pela Fiscalização da FPTI; Antes do lançamento da camada de brita, o aterro deve ser abundantemente molhado e compactado; Após a compactação serão abertas as valas para as canalizações passantes sob o piso. A colocação das canalizações será seguida do reaterro e a compactação das valas, com perfeita regularização e nivelamento da superfície compactada Lastro de Brita O lastro de brita consiste em uma camada de aproximadamente 3cm de brita com a finalidade de evitar o contato direto do concreto com o solo Pisos As superfícies dos pisos colocados devem resultar perfeitamente planas, sem ressaltos ou desníveis entre as peças, e sem vazios na argamassa de assentamento. Terão caimentos mínimo de 1% para fora. Os demais terão declividade para o ralo ou portas externas; O acabamento dos pisos deve ser feito somente após a conclusão dos revestimentos de paredes e tetos e depois de totalmente vedadas as coberturas; Será proibida qualquer circulação sobre os pisos colocados, durante as primeiras 48 horas subsequentes à colocação; A argamassa de assentamento de pisos não terá espessura superior a 2,5cm. Qualquer regularização prévia corretiva será feita com argamassa de cimento e areia 1:5, sobre a qual, decorridos um mínimo de sete dias da sua execução, será lançada a camada de assentamento, mediante limpeza prévia Piso Vinílico As placas e/ou mantas de vinil amianto devem ser aplicadas de acordo com as instruções do Fabricante. O adesivo (cola) a ser aplicado na colocação dos pisos vinílicos deverá ser de adesivo acrílico, tipo pisofix, selo laranja, Flexman. Conforme Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 34 de 74

35 orientação do fabricante; O Piso vinílico deverá ser seco e isento de qualquer umidade, perfeitamente curado e impermeabilizado contra infiltrações do subsolo quando for piso térreo, totalmente isento de vazamentos hidráulicos; O Piso Vinílico deverá ser limpo, livre de sujeiras, graxas, ceras e óleos; O Piso Vinílico deverá ser firme, sem rachaduras, peças de cerâmica ou pedras soltas, movimentações estruturais ou de curagem; O Piso Vinílico deverá ser liso, sem depressões ou desníveis maiores que 1mm que não possam ser corrigidos com a massa de preparação; O contrapiso receberá uma camada constituída por uma pasta (composta de água, cola de PVA e cimento), aplicada com uma desempenadeira de aço lisa em duas ou três demãos. Com no máximo 3mm de espessura final, tem a função de corrigir a aspereza da superfície ou juntas de cerâmica. Após a secagem de cada demão, lixar com pedra esmeril ou lixa de ferro nº 60 e aspirar completamente o pó; A cola de fixação deve ser espalhada numa fina camada, utilizando-se uma ferramenta adequada para assegurar a uniformidade e o correto espalhamento. Após o assentamento, todo o excesso de cola deverá ser removido Piso Cerâmico As superfícies a receberem o revestimento cerâmico deverão estar limpas e livres de sujeira, poeira, óleos, graxas e outras substâncias prejudiciais; Deve ser obtido um plano sem distorções, perfeitamente nivelado e seguindo os caimentos estabelecidos. Não serão aceitas juntas desaprumadas ou de espessuras irregulares; Os recortes necessários devem ser feitos com ferramentas próprias e as bordas rugosas deverão ser esmerilhadas para ficarem lisas. Não serão admitidas peças quebradas ou trincadas; O assentamento para poderá ser feito com argamassa tipo colante. Usando sempre espaçadores, conforme determinação dos fabricantes. Os rejuntes deverão ser efetuados com argamassa pré-fabricada na cor determinada pela FPTI; As cerâmicas que depois de colocadas soarem ocas, deverão ser retiradas e assentadas novamente; Após o término dos trabalhos de assentamento da cerâmica, os pisos deverão ser completamente limpos a fim de serem removidas todas as manchas, restos de argamassa e outros materiais estranhos. Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 35 de 74

36 14.6. Piso de Granitina / Piso Industrial Os pisos de granitina serão fundidos no local, sobre o lastro de concreto perfeitamente regularizado com argamassa de cimento e areia 1:3; O piso Industrial e o rodapé devem seguir rigorosamente as recomendações do fabricante e ser constituído de minerais de alta dureza, granilhas em pó de mármore com granulometria específica, cimento e em alguns casos aditivos; As demarcações das juntas devem ser feitas através de juntas plásticas, aplicação de revestimento com espessura de oito a 15mm; Superfície estucada, polida com máquinas MPP e com ferramentas diamantadas para garantir planicidade e um perfeito acabamento no piso; A resina a ser aplicada deverá seguir o padrão Ref. Granitec, por se tratar de um piso a ser executado em uma região de terra vermelha; O contrapiso receberá uma camada constituída por uma pasta (composta de água, cola de PVA e cimento), aplicada com uma desempenadeira de aço lisa em duas ou três demãos, com no máximo 3mm de espessura final, tendo como função, corrigir a aspereza da superfície ou juntas de cerâmica. Após a secagem de cada demão, lixar com pedra esmeril ou lixa de ferro nº 60 e aspirar completamente o pó; Após a aplicação em resina o piso receberá tratamento HS, Ref. Granitec. O tratamento HS é feito da seguinte maneira: A superfície do piso protegida pela resina será limpa e isenta de qualquer sujidade. Após isso será feito uma seqüência de aplicações de base seladora e ceras com polímeros sólidos, Ref. Gemstar Laser. 24hs após a última demão se faz o polimento HS com máquinas de alta rotação e discos apropriados; O objetivo desse sistema é de não só dar um brilho espetacular, mas também dar maior proteção e resistência a marcas negras, riscos e sujidade; Não serão toleradas diferenças de declividade em relação à pré-fixada ou flecha de abaulamento superior a 1cm em 5m ou seja 0,2%; Os rodapés serão concordantes com o piso no tipo e na cor Piso em "Paver" Preparo da base "in loco", devidamente compactada, seguindo recomendações para tráfego de veículos com o CBR específico, prever também caimentos para as águas pluviais; Aplica-se uma camada de pó de pedra com 10cm de espessura, compactado e desempenado com régua, seguindo os caimentos específicos no item anterior; Montagem dos blocos de concreto tipo "paver" ou similar, nas áreas indicadas Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 36 de 74

37 em projeto arquitetônico; Após a montagem dos blocos, rejunta-se toda a superfície aplicando uma camada de areia fina e varrendo em seguida. Esta mesma irá penetrar entre os blocos, dando um aspecto de piso monolítico; Em seguida compacta-se o piso com uma placa compactadora ou rolo compressor pequeno, para que o mesmo receba um primeiro impacto; Guia pré-fabricada de concreto reto ou curva, moldada "in loco", assentada com concreto, fck=15mpa, controle tipo "C" Rodapé Os rodapés de madeira serão de cedrilho ou pinus, com 1,5x7,0cm, fixados com buchas ou aparafusado. Quando o revestimento for cerâmico ou vinílico o rodapé será do mesmo material fixado com argamassa ou cola Flexofix seguindo o mesmo padrão de acabamento; Após o término dos trabalhos de assentamento o rodapé e o piso devem ser completamente limpos a fim de serem removidas todas as manchas, restos de argamassa e outros materiais estranhos. 15. FORROS Forro em PVC Deverá ser em placa de PVC rígido perfilado na largura de 100mm, com espessura de 10mm, instalada no comprimento da peça; Será completado com sistema metálico de sustentação, emendas, cantos e arremates em PVC; A montagem do forro deverá ser executada conforme orientação técnica do fabricante. A estrutura de fixação deve ser metálica. O espaçamento entre as longarinas deve ser de 70cm e de 140cm na estrutura principal Forro de Madeira Tipo Macho e Fêmea ou Lambris Serão constituídos em tábuas fixada em sarrafos de cedrilho, de primeira qualidade; As tábuas serão do tipo macho e fêmea e serão pregadas pelo encaixe de modo que os pregos não sejam visíveis; As emendas não poderão ficar no mesmo alinhamento; A armação do forro será devidamente pregada à estrutura do telhado de modo Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 37 de 74

38 a assegurar a sua completa sustentação e horizontalidade; O acabamento do forro com as paredes será feito com meia cana de 1 x1 do mesmo material do forro. 16. COBERTURA Estrutura de Madeira Para as construções de estruturas em madeira devem ser observadas as normas técnicas da ABNT; Todos os trabalhos devem ser feitos por oficiais habilitados e capazes, devidamente assistidos pelo Responsável Técnico, que verificará a correta execução das sambladuras, encaixes, ligações e articulações, que devem estar perfeitamente ajustadas; As peças que na montagem não se ajustarem perfeitamente às ligações ou que tenham empenado, devem ser substituídas; Para a execução de ligações, de perfuração, escariação, fresamento e ranhuras, torna-se imprescindível a utilização de máquina correspondente para possibilitar o perfeito ajustamento das peças; Quando da execução das estruturas de madeira, será escolhida madeira de boa qualidade e procedência, isenta de defeitos, tais como nós, brocas, trincas, fibras torcidas ou viradas; A fim de evitar o deslocamento pelo vento, deve ser prevista a ancoragem da armação do telhado na estrutura de concreto Cobertura com telha Cerâmica tipo Francesa ou Fibrocimento A CONTRATADA providenciará amostras para a FPTI que fará a aprovação ou não do material. Deverá seguir a inclinação existente ou de acordo com as normas técnicas vigentes Cobertura com telha Metálica Será executada em telha metálica, em alumínio e seguindo o mesmo padrão(formato, espessura, etc.) existente. A CONTRATADA providenciará amostras para a FPTI que fará a aprovação do material. Deverá seguir a inclinação existente ou de acordo com as normas técnicas vigentes Calhas e Condutores Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 38 de 74

39 As calhas e condutores, serão em chapa galvanizada nº 26, devidamente fixados à estrutura da edificação. Todas a rebarbas e saliências de soldas deverão ser eliminadas por esmerilhamento tomando-se o devido cuidado para evitar o enfraquecimento das soldas Estruturas Metálicas Todos os materiais usados na construção da cobertura deverão ser novos sem nenhum defeito de fabricação. Todos os quadros fixos ou moveis serão perfeitamente esquadriados e terão os ângulos soldados bem esmirilhados e limados de modo a desaparecerem as rebarbas e saliências dos cortes. 17. FERRAGENS As ferragens serão cromadas de primeira qualidade, aprovada pela FPTI. A colocação das ferragens será procedida com particular esmero, devendo ser precisas no seu funcionamento e com acabamento perfeito Todas as fechaduras serão de embutir equipadas com falsa chapa testa, para colocação após a pintura, não sendo toleradas folgas, taliscas ou outros defeitos As fechaduras das portas externas serão do tipo cilindro com miolo de segurança A localização das fechaduras, dobradiças e outras ferragens, será conforme padrão existente As maçanetas serão cromadas, resistentes e de boa qualidade As hastes das maçanetas devem estar perfeitamente ajustadas às espessuras das portas A localização das peças das ferragens nas esquadrias, será medida com precisão de maneira a serem evitadas discrepâncias de posição ou diferença de nível perceptíveis à vista Para o assentamento serão empregados parafusos de qualidade com acabamento e dimensões correspondente aos das peças que fixarem. Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 39 de 74

40 18. ESQUADRIAS Esquadrias de madeira As esquadrias de madeira devem ser instaladas com todo cuidado, com devido rigor no prumo e nível das peças. Na colocação dos marcos serão observados o esquadrinhamento e a folga necessários em função da dilatação das peças; Serão rejeitadas todas as peças defeituosas ou deformadas; Para a fixação das esquadrias de madeira poderá ser usada espuma expandida tipo poliuretano; Os parafusos para fixação dos batentes deverão ter cabeças embutidas dandose o devido acabamento com o enchimento sobre as cabeças, por meio de um fragmento (tarugo) da mesma madeira; Os rebaixos, encaixes ou outros entalhes feitos nas esquadrias para a fixação das ferragens, deverão ser sem rebarbas, correspondendo exatamente às dimensões das ferragens; A largura do batente será sempre igual à espessura da parede acabada; As guarnições serão de boa qualidade, bem aparelhadas, pregadas aos batentes ao longo da junta destes com as paredes Restauração de Portas As portas existentes a serem recuperadas, devem ser lixadas e limpas para remoção total das impurezas Esquadrias de Alumínio As esquadrias de alumínio anodizado deverão ser de primeira linha ref. ALCOA, instaladas perfeitamente prumados, nivelados e em esquadro; As esquadrias de alumínio deverão ser protegidas com papel crepe por ocasião do transporte, manuseio e estocagem. Durante e após a montagem observar-se-á o máximo cuidado para não serem feridas as superfícies anodizadas. 19. SERRALHERIA Todos os materiais usados na confecção de serralherias devem ser novos e sem nenhum defeito de fabricação. Os serviços de serralheria serão executados de acordo com as normas indicadas para estes serviços. Todos os quadros fixos ou móveis, serão perfeitamente Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 40 de 74

41 prumados, nivelados e em esquadro e terão os ângulos soldados bem esmerilhados e limados, de modo a desaparecerem as rebarbas e saliências dos cortes. 20. PINTURA Todos os materiais a empregar na pintura devem ser de primeira linha Antes da aplicação de qualquer pintura, a superfície a ser pintada, deverá estar bem seca e perfeitamente preparada: emassada, lixada, escovada, livre de poeiras, rebarbas e asperezas A pintura externa não deve ser executada quando da ocorrência de chuva ou condensação A tinta deverá ser frequentemente agitada para obter uma consistência uniforme durante a aplicação. Se ocorrerem respingos de tintas, esses deverão ser removidos com solventes adequados Toda a superfície pintada deverá apresentar, depois de pronta uniformidade quanto à textura, tonalidade e brilho Emassamento Deverão ser aplicadas duas ou mais demãos de massa corrida acrílica/pva de primeira linha, aguardando o intervalo de secagem entre uma demão e outra; Após o intervalo deverá ser procedido ao lixamento manual da massa. A aplicação de massa em paredes, com a espátula ou desempenadeira metálica, será de maneira e espessura uniforme; Nas superfícies a serem pintadas com tinta látex acrílico, a massa a ser aplicada também será acrílica. O emassamento de esquadrias metálicas e de madeira, quando indicado pela FPTI, será executado com material específico para essas superfícies Pintura com Esmalte Sintético Será empregada tinta esmalte sintético preparada na fábrica, de primeira linha; Cada demão de tinta será lixada e limpa antes da aplicação de nova demão; Serão aplicadas tantas demãos quantas necessárias para obtenção de uma Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 41 de 74

42 superfície lisa, lustrosa e de coloração homogênea, aguardando o tempo suficiente para a secagem entre uma e outra demão Pintura Acrílica Será empregada tinta acrílica preparada na fábrica, de primeira linha. Cada demão de tinta será lixada e limpa antes da aplicação de nova demão; Serão aplicadas tantas demãos quantas necessárias para obtenção de uma superfície lisa, lustrosa e de coloração homogênea, aguardando o tempo suficiente para a secagem entre uma e outra demão Verniz (Madeira) A superfície a ser pintada deverá estar completamente limpa e seca, isenta de poeira, mofo ou manchas gordurosas; Quando houver pintura antiga, lixar antecipadamente a superfície de modo a remover partículas soltas ou rugosas, a fim de proporcionar um acabamento homogêneo e atingir o aspecto desejado. Ficará a critério da FPTI, a aplicação de fundo protetor ou selador antes do acabamento final; Serão aplicadas tantas demãos quantas necessárias para obtenção de uma superfície lisa, e de coloração homogênea, aguardando o tempo suficiente para a secagem entre uma e outra demão. 21. INSTALAÇÕES HIDRÁULICA E SANITÁRIAS Os serviços das instalações hidráulicas compreendem a execução das tubulações prediais hidráulicas e sanitárias de PVC, aparentes ou embutidas nas alvenarias, paredes divisórias, tetos e pisos Todos os serviços devem estar em conformidade com as últimas edições das normas técnicas de instalações prediais de água fria e instalações prediais de esgotos sanitários As instalações deverão ser executadas por pessoal especializado e habilitado com o respectivo ferramental e equipamento de segurança necessário para a execução dos serviços Os materiais, a fabricação, os ensaios, a instalação e testes devem obedecer prioritariamente às últimas revisões das normas técnicas da ABNT. No caso em que estas normas sejam omissas, o uso pela CONTRATADA de normas técnicas de outras organizações Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 42 de 74

43 será permitido somente com a aprovação de FPTI As tubulações devem ser cortadas no local e aplicadas de acordo com as indicações da fiscalização, observando-se os respectivos alinhamentos, caimentos, dimensões, etc As tubulações embutidas ficarão a uma profundidade suficiente para não afetar os revestimentos As deflexões, ângulos e derivações serão feitas por meio de conexões apropriadas para cada caso. Para facilitarem em qualquer tempo a desmontagem das tubulações, serão colocadas, onde necessário, uniões ou flanges Durante a manutenção/demolições, as extremidades das tubulações serão vedadas por bujões, a fim de evitar a entrada de corpos estranhos e possibilitar a execução de testes As emendas a serem feitas nos tubos, com adesivo, deverão ser executadas com todo cuidado de modo a permitir a perfeita vedação. Em todas as emendas e ligações com roscas devem ser usadas fitas de vedação tipo "Teflon" Nas ligações de tubulação de PVC com metais em geral, devem ser utilizadas conexões com rosca de latão As canoplas e volantes dos registros, válvulas de descarga, torneiras, acessórios e outros metais, somente devem ser instaladas ao final das obras, quando os locais puderem ser fechados Não será permitido dobramento ou aquecimento de tubos de PVC As juntas dos tubos de PVC serão executadas com anéis de borracha ou com adesivo específico As superfícies a serem soldadas deverão ser lixadas, limpas com solução limpadora e coladas Todas as ligações de água e esgoto devem ser entregues em perfeito funcionamento, com as tubulações devidamente testadas antes do fechamento dos rasgos nas paredes e da colocação de quaisquer revestimentos. Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 43 de 74

44 As tubulações aparentes devem ser conveniente e uniformemente fixadas por abraçadeiras, por tirantes de aço ou outro dispositivo que garanta perfeita estabilidade Devem ser respeitadas as normas da Empresa Concessionária (SANEPAR) Todos os ralos serão sifonados com diâmetro de acordo com a orientação da fiscalização O preenchimento da vala para tubulações enterradas, será feito usando-se material de boa qualidade, em camadas de 20cm, sucessiva e cuidadosamente apiloadas e molhadas A contratada deverá tomar os cuidados durante a escavação da rede de modo a garantir a inclinação mínima de 1% da tubulação de esgoto, assim como atender as interligações necessárias. Também deverá tomar cuidado para as profundidades mínimas exigidas e, quando necessário, a rede será executada acima da profundidade exigida, esta deverá ser devidamente envelopada Aparelhos Sanitários Os aparelhos sanitários deverão ser instalados de acordo com as especificações do fabricante, perfeitamente nivelados e aprumados, utilizando-se parafusos, buchas plásticas, chumbadores ou outra fixação definida pela fiscalização; O espaço entre aparelhos e as paredes ou pisos (rejuntamento), será preenchido com argamassa de cimento branco e corante, mastique à base de silicone ou outro material indicado pela FPTI; Os aparelhos sanitários deverão ser instalados com os respectivos metais e acessórios e ligados às redes de água e esgoto; Nos sanitários onde haja mais de um aparelho do mesmo tipo, deve ser observado o perfeito alinhamento entre estes; Deverá ser dispensado especial cuidado com o revestimento das paredes, quando da colocação das louças e metais sanitários; Após a instalação final, todos os aparelhos devem ser testados quanto ao perfeito funcionamento e qualquer defeito deverá ser reparado às expensas da CONTRATADA Acessórios de Embutir e Sobrepor Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 44 de 74

45 Os acessórios de embutir ou sobrepor tais como saboneteiras, cabides, papeleiras, etc., deverão ser instalados de acordo com as instruções do fabricante, obedecendo-se as localizações de acordo com a fiscalização; Os espelhos devem ser instalados centralizados com os lavatórios. A fixação dos espelhos não deve ficar exposta Tampos e divisórias de Granito Os tampos de granito serão assentados sobre suporte metálico/alvenaria, embutido na alvenaria através de rasgos, perfeitamente nivelados na altura e localização determinadas pela FPTI; As divisórias de granito para mictórios deverão ser fixadas na alvenaria e embutidos no revestimento das paredes, perfeitamente aprumados e localização determinadas pela FPTI Metais Todos os metais dos aparelhos sanitários, bem como os de ligação, devem ter acabamento cromado, de primeira linha e conforme padrão existente. 22. INSTALAÇÕES ELÉTRICA E DE LÓGICA As instalações elétricas e de lógica devem seguir as normas técnicas e conforme a orientação da FPTI Os serviços compreendem a execução das redes internas de distribuição em baixa tensão As instalações deverão ser executadas por pessoal especializado e habilitado com o respectivo ferramental e equipamento de segurança necessário para a execução dos serviços. Conforme NR-10, deve total responsabilidade por qualquer ação ou acidente de seus colaboradores durante a execução de todos os serviços previstos no contrato, respondendo ainda, pelo serviço, segurança e garantia de 6(seis) meses dos serviços executados Todos os profissionais de eletricidade, devem ter curso de NR-10 atualizados conforme NBR-5410 / Todos os pontos de tomadas, terão suas capacidades indicadas nos respectivos espelhos, Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 45 de 74

46 indicando a voltagem, circuito e quadros Não será permitida emenda de fios dentro dos dutos, apenas nas caixas de passagem ou conduletes, ocorrendo emenda sempre em caixas através de conectores adequados, devidamente soldados com estanho isolados com fita auto fusão e fita isolante, garantindo perfeita conexão e isolamento entre as partes Todos os dutos correrão sobreposto ou embutidos nas paredes e lajes, de acordo com a função e necessidade. A ligação dos tubos será feita por meio de luvas e outras conexões, compatíveis tanto em suas dimensões, como no tipo de rosca, que atendam as necessidades de estanqueidade e resistência aos impactos, provenientes da concretagem. Os eletrodutos rígidos só devem ser cortados perpendicularmente ao seu eixo, retirando-se cuidadosamente todas as rebarbas. Só poderão ser executados nas obras, curvas em eletrodutos até diâmetro 3/4", com raio mínimo não inferior a seis vezes o diâmetro dos mesmos As caixas embutidas nas paredes ou sobrepostas devem ser niveladas e/ou aprumadas faceando o paramento de alvenaria, de modo a não resultar excessiva profundidade depois de concluído o revestimento Os eletrodutos, quando aparentes, serão conveniente e uniformente fixados por abraçadeiras, tirantes ou outro dispositivo que garanta perfeita estabilidade; e serão pintados de acordo com código de cores da ABNT As caixas de pontos de luz nos tetos serão rigorosamente centradas ou alinhadas nas respectivas salas As caixas que contiverem interruptores, tomadas e congêneres serão fechadas pelos espelhos que completam a instalação desses dispositivos, sendo obrigatória a utilização de identificação clara da voltagem existente Os condutores serão instalados de forma que os isente de esforços mecânicos As emendas e derivações dos condutores serão executadas de modo a assegurarem resistência mecânica adequada e contato elétrico perfeito e permanente. Para condutores de bitola 10mm² e maiores, as emendas e ligações serão executadas através de conectores de pressão ou de parafuso. Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 46 de 74

47 As tomadas de condicionadores de ar e chuveiros serão alimentadas por ramais exclusivos As luminárias deverão ser de sobrepor de alto rendimento, com corpo em chapa de aço e tratamento anticorrosivo, pintura eletrostática em pó Epóxi na cor branco com conjunto ótico com refletor multifacetado em alumínio anodizado de alto brilho. Porta lampada de engate rápido com rotor de segurança, contatos em bronze fosforoso, com acesso manual ao redor Todos os conduletes de alumínio devem ser da marca Daisa, e os conduletes de PVC branco devem ser da marca Wetzel, e devem acompanhar as respectivas peças de adaptação, estas marcas são apenas referenciadas para acompanhar as instalações já existentes na FPTI As fiações devem ser de primeira qualidade cabinho flexível têmpera mole, encordoamento Classe 4 Isolação de PVC 70 C, referência Corfio ou Pirelli Os barramentos dos quadros devem ser de liga cobre puro com pintura conforme a NBR-5410, com isolamento entre as barras com fixação nas duas extremidades, devem conter barramento trifásico, com barramento de neutro e terra da mesma bitola dos de fase, deixar sempre 12 espaços reserva. Os quadros devem ser de comando, montado industrialmente, chapa de aço, pintura eletrostática a pó, com borracha de vedação, tampa de montagem de fundo na cor laranja, contra-tampa de proteção em acrílico no mínimo de 6mm cortados para encaixe dos disjuntores, sem trincas ou rebarbas, fecho tipo Standard de fenda em metal, fixado embutido na parede ou sobreposto. O quadro por sua vez com grau de proteção IP-54 1k10, conforme norma IEC (referência Cemar) Todos os quadros, tomadas, partes metálicas devem ser aterradas conforme normas NBR-5410 e NBR Todos os reatores eletrônicos de lâmpadas fluorescente devem ser alto fator de potência padrão engenharia, marca philips modelo eco-master, sendo aprovado previamente pela fiscalização. 23. SERVIÇOS DIVERSOS Quando solicitado pela FPTI, por meio de Ordem de Serviços (OS), a contratada deverá Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 47 de 74

48 fornecer a mão de obra e ferramentas para execução de serviços diversos pertencentes ao objeto do contrato e de natureza equivalente, porém não incluídos nos outros serviços da Planilha de Preços Unitários Por oficial, entende-se como eletricista, carpinteiro, pedreiro, pintor ou outro profissional qualificado a executar serviços de natureza equivalente ao objeto deste contrato Por ajudante entende-se o empregado não qualificado, ajudante do profissional (carpinteiro, encanador, pedreiro, etc),utilizado em trabalhos braçais, necessário para execução de serviços diversos. 24. EQUIPAMENTOS Todo equipamento deverá ser inspecionado pela fiscalização do PTI antes do início dos serviços Os serviços serão executados com os equipamentos adequados, obtendo as produtividades requeridas Os caminhões basculantes deverão ser dotados de tampa e eventualmente com lona (para evitar derrame de material nas pistas pavimentadas) A CONTRATADA deverá fornecer o equipamento com operador, combustíveis, manutenção, leis sociais e mobilização dos equipamentos. 25. PERÍODO E PRAZO DE EXECUÇÃO DOS SERVIÇOS O período de execução de todos os serviços relacionados nesta contratação é de 4 meses, podendo ser prorrogado conforme os acordos contratuais estabelecidos Todos os serviços listados na solicitação de serviços, tem um prazo de execução de 3 dias, salvo em casos de emergência, onde o prazo é de até 2 horas Entende-se como caso de emergência os casos que envolvam: Risco à Integridade Física dos habitantes do Parque; Falta de energia; Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 48 de 74

49 Luminárias queimadas; Falta de água, Entupimento ou vazamento de rede de hidrossanitária; Demais situações que reduzam ou impeçam as atividades do Parque. 26. RESPONSABILIDADES DA CONTRATADA A Contratada deverá ter conhecimento de todas as normas técnicas, especificações, métodos, padronizações, classificações, terminologias e simbologias estabelecidas pela ABNT que sejam referentes aos serviços contratados, bem como às exigências legais A Contratada deverá suprir com todos os materiais e equipamentos necessários para garantir a segurança e higiene dos operários, obedecendo as normas vigentes Exige-se o emprego de mão de obra de primeira qualidade para execução de todos os serviços especificados, como também, todos os equipamentos e ferramentas adequadas, de modo a garantir o bom desempenho da obra Todos os serviços deverão ser executados de acordo com os documentos fornecidos pela FPTI, Normas Técnicas (ABNT e das concessionárias) ou como indicados pela fiscalização da FPTI; Em caso de omissões e dúvidas, no que for relativo à compreensão dos documentos, caberá à Contratada informar à fiscalização da FPTI para verificar junto aos profissionais envolvidos em cada área técnica do projeto e deverão ser solucionados pela Contratada, tudo sempre de acordo com as normas e regulamentos ditados pela ABNT e pelas Leis/Decretos Municipais Fica expressamente proibido o trabalho de menores em qualquer ramo de atividade dentro do recinto da obra, nos termos da Legislação Trabalhista vigente É de inteira responsabilidade da Contratada, a reconstituição de todos os danos e avarias causados aos serviços já realizados de infraestrutura, urbanização e edificações A guarda e vigilância dos materiais e equipamentos necessários à obra, assim como dos serviços executados e ainda não entregues à FPTI, são de inteira responsabilidade da Contratada. Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 49 de 74

50 26.9. A Contratada, anteriormente à participar da concorrência pela obra, é recomendada a inspecionar a área onde serão executados os serviços, não podendo, sob pretexto algum, argumentar desconhecimento das condições do local Todas as comunicações entre a Contratada e a FPTI devem ser feitas por escrito. Será de exclusivo ônus e responsabilidade da Contratada, todo e qualquer serviço que não tenha sido autorizado ou por escrito ou, em caso de autorização verbal, confirmado por escrito, dentro de 48 horas, bem como alterações das especificações A presença da fiscalização da FPTI na obra, não diminui nenhuma das responsabilidades da Contratada acima citadas. 27. CONSIDERAÇÕES FINAIS Todas as atividades intrínsecas ao presente objeto devem ser executadas seguindo as especificações técnicas e os critérios de segurança baseados nas normas brasileiras vigentes Todos os materiais e serviços devem ter qualidade comprovada, confeccionados e executados em conformidade às normas brasileiras vigentes Para fins de direito de execução da obra, a PROPONENTE não deve ter restrição junto órgãos públicos As solicitações de passes pessoais e de veículos ao PTI, devem ser efetuadas junto à FPTI, através da solicitação formal, contendo documentações e as premissas, em conformidade aos regulamentos e normas da segurança empresarial. 28. NOTAS IMPORTANTES Por ocasião da execução, caso houver algum item não especificado ou contemplado no projeto; deverá a CONTRATADA elaborar e apresentar uma planilha específica para a etapa, contendo a quantidade e o custo detalhado deste serviço para seu ADITAMENTO; esta planilha será analisada pela área GESTORA, a qual encaminhará para a contratada e responsável pelo caderno de encargos, a qual avaliará o serviço e a composição do mesmo. Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 50 de 74

51 ANEXO II MODELO DE PROPOSTA COMERCIAL Processo nº.: 0096/2012 Edital FPTI nº.: 040/2012 Objeto: Registro de Preços para Contratação, Sob Demanda, de Serviços de Manutenção Preventiva, Corretiva e Pequenas Adequações de Obras, no Parque Tecnológico Itaipu Brasil, conforme condições descritas no Anexo I Termo de Referência. ITEM DESCRIÇÃO DO OBJETO VALOR DE REFERÊNCIA DO EDITAL 01 Serviços de Manutenção Preventiva, Corretiva e Pequenas Adequações de Obras R$ ,00 (cento e quarenta mil reais) VALOR PROPOSTO R$... (...reais) Obs: Esta proposta tem prazo de validade de 60 (sessenta) dias; Acompanhada desta proposta deverá ser apresentada a Planilha de Preços Unitários, disponível no site devidamente assinada pelo responsável legal da empresa; Declaro para os devidos fins, ter ciência de que em sendo esta proposta declarada vencedora, mas injustificadamente, esta proponente não assine o contrato dentro do prazo estabelecido no edital, serão aplicadas as penalidades nele previstas; Atenciosamente, Nome do representante legal Assinatura do representante legal Observação: Utilizar papel timbrado, informando a razão social, o CNPJ e endereço completo da empresa. Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 51 de 74

52 ANEXO III MODELO DE SOLICITAÇÃO DE AUTORIZAÇÃO DE ENTRADA Processo nº.: 0096/2012 Edital FPTI nº.: 040/2012 Solicito através da presente, autorização de entrada na Usina Hidrelétrica de Itaipu, localizada à Av. Tancredo Neves, 6731 Parque Tecnológico Itaipu PTI, em Foz do Iguaçu/PR, para a sessão pública com vistas ao Edital FPTI nº. 040/12, conforme dados abaixo: DADOS DA EMPRESA: RAZÃO SOCIAL: CNPJ: ENDEREÇO: TELEFONE: IDENTIFICAÇÃO DO VISITANTE: NOME COMPLETO: IDENTIDADE: VEÍCULO: COR: PLACA: Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 52 de 74

53 ANEXO IV MODELO DE CARTA DE CREDENCIAMENTO Processo nº.: 0096/2012 Edital FPTI nº.: 040/2012 Pelo presente, credenciamos o(a) Sr(a)., portador da Cédula de Identidade sob nº. e inscrito no CPF/MF sob nº., a participar do Procedimento de Contratação para Registro de Preços para Contratação, Sob Demanda, de Serviços de Manutenção Preventiva, Corretiva e Pequenas Adequações de Obras, no Parque Tecnológico Itaipu Brasil, conforme condições, especificações e valores estabelecidos no Anexo I, do Edital FPTI nº. 040/12. Na qualidade de representante legal da empresa, outorga-se ao (à) credenciado(a), dentre outros poderes, o de praticar atos pertinentes ao certame em nome da proponente, inclusive, para receber intimação e desistir de interpor recursos e manifestar-se oficialmente em nome da empresa proponente. Por ser a expressão da verdade, firmamos a presente., de de (Data da abertura da Proposta) Nome completo do representante legal Assinatura do representante legal Observação: Utilizar papel timbrado, informando a razão social, o CNPJ e endereço completo da empresa. Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 53 de 74

54 ANEXO V MODELO DE DECLARAÇÃO DE INEXISTÊNCIA DE DÉBITO EM RELAÇÃO A ITAIPU BINACIONAL Processo nº.: 0096/2012 Edital FPTI nº.: 040/2012 A empresa... inscrita no CNPJ sob no..., por intermédio de seu representante legal Sr.(a)... portador do CPF no... e RG no..., DECLARA, para os devidos fins, e sob as penas da lei, que não está em débito com a Itaipu Binacional, instituidora da FPTI-BR., de de (Data da abertura da Proposta) Nome completo do representante legal Assinatura do representante legal Observação: Utilizar papel timbrado, informando a razão social, o CNPJ e endereço completo da empresa. Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 54 de 74

55 ANEXO VI MODELO DE DECLARAÇÃO DE INEXISTÊNCIA DE PARENTESCO Processo nº.: 0096/2012 Edital FPTI nº.: 040/2012 A empresa... inscrita no CNPJ sob nº..., por intermédio de seu representante legal Sr(a)... portador do CPF nº... e RG nº..., DECLARA, para os devidos fins não ter administrador, membro de órgão estatutário ou empregado da FPTI-BR, tampouco, ter cônjuge, companheiro ou parente até segundo grau que ocupem estes cargos nesta entidade., de de (Data da abertura da Proposta) Nome completo do representante legal Assinatura do representante legal Observação: Utilizar papel timbrado, informando a razão social, o CNPJ e endereço completo da empresa. Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 55 de 74

56 ANEXO VII ORIENTAÇÃO TÉCNICA DE SEGURANÇA, HIGIENE E MEDICINA DO TRABALHO PARA EMPRESAS CONTRATADAS 1 OBJETIVO vs: 02/02/ Orientar as empresas contratadas no que se refere às instruções básicas do Sistema de Higiene e Segurança do Trabalho da FPTI-BR e ITAIPU. 1.2 Preservar a integridade do elemento humano, do patrimônio da FPTI-BR e da ITAIPU e das empresas contratadas, assegurando a continuidade das atividades. 2 ORIENTAÇÃO 2.1 FISCALIZAÇÃO Cabe ao Técnico de Segurança do Trabalho da FPTI-BR, juntamente com a área gestora do contrato, fiscalizar as áreas de trabalho com o intuito de verificar o cumprimento por parte da empresa contratada. Com base nesta diretriz aplicará a Orientação Técnica e as demais normas e legislação vigente dos órgãos competentes Compete à empresa contratada acatar as recomendações decorrentes das fiscalizações e sanar as irregularidades apontadas, sob pena de suspensão dos trabalhos, ficando estabelecido que essas suspensões não eximem a contratada das obrigações e penalidade constantes das cláusulas contratuais, referente a prazos e multas. 2.2 EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL EPI Quando as medidas de ordem geral não oferecem completa proteção contra os riscos de acidentes e danos à saúde dos empregados, cabe à empresa contratada fornecer gratuitamente equipamentos de proteção individual, adequados ao risco de cada atividade e em perfeito estado de conservação e funcionamento 2.3 EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO COLETIVA EPC Cabe à empresa contratada dispor e utilizar adequadamente equipamentos de proteção coletiva que se fizer necessário, conforme os Atos Normativos e a legislação vigente, ou quando orientada pela FPTI-BR. 2.4 SINALIZAÇÃO Cabe à empresa contratada observar a legislação vigente no que se refere à sinalização de segurança, respeitando os critérios estabelecidos em normas da FPTI-BR e ITAIPU. 2.5 TRANSPORTE O transporte de pessoal realizado pela empresa contratada deve ser feito em veículo adequado e com a máxima segurança, não sendo permitido o transporte de pessoal em carroceria de caminhões ou pick-ups, mesmo com cobertura. Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 56 de 74

57 2.5.2 O transporte de materiais deve possuir dispositivos(lonas, cordas e/ou telas, etc) que impeçam a descarga acidental do material transportado, durante o percurso. 2.6 HIGIENE DO TRABALHO Os escritórios de campo e as áreas de vivência, devem dispor das condições sanitárias, água potável e condições de conforto para os empregados, observando-se a legislação vigente e as normas da FPTI-BR e da ITAIPU. 2.7 MEDICINA DO TRABALHO A empresa contratada deverá realizar e manter disponível, exames médicos admissionais, periódicos, demissionais e especiais, inclusive provas biológicas, radiológicas e outras exigíveis para os fins previstos, conforme legislação vigente Cabe à empresa contratada apresentar a FPTI-BR Atestado de Saúde Ocupacional ASO de seus empregados, sendo pré-requisito para emissão dos cartões de identificações crachás pela ITAIPU. 2.8 COMUNICAÇÃO DE ACIDENTES Todo o acidente deve ser comunicado imediatamente pela empresa contratada à Área de Segurança do Trabalho da FPTI-BR, e comunicado/registrado nos órgãos oficiais brasileiros no prazo estabelecido pelo respectivo órgão Para cada acidente deve ser preenchido o Relatório de Acidente do Trabalho, conforme Anexo B. Este deverá ser validado por um Técnico de Segurança ou Auxiliar de Segurança do Trabalho e, encaminhado ao gestor do contrato da FPTI-BR até 48 horas após a ocorrência A empresa deverá ser responsável pelo transporte de seus funcionários, caso aja necessidade de transportá-los a uma Unidade de Pronto Atendimento Em caso de urgência e emergência no PTI, o Atendimento Básico do PTI deverá ser acionado pelos telefones: (045) / Em casos de agravos em Emergência, a Empresa acionará o Samu(192) para atendimentos clínicos e o Siate (193) para atendimentos de traumas. Após acionar o Samu ou o Siate, comunicar a Barreira da Itaipu para liberação de acesso pelo telefone (045) RELATÓRIO MENSAL DAS EMPRESAS CONTRATADAS O relatório de Estatística de Acidentes, conforme modelo anexo, deve ser enviado ao gestor do contrato FPTI-BR, mensalmente, até o décimo dia útil do mês seguinte O laudo PCMAT Programa de Condições e Meio Ambiente de Trabalho na indústria da construção deve ser enviado ao gestor do contrato FPTI-BR até o décimo quinto dia útil do início da liberação das atividades. Deverá ser entregue o laudo PCMAT as atividades que tenham duração acima de 90 (noventa) dias e/ou que tenham 20 (vinte) trabalhadores ou mais. O laudo deverá contemplar todos aspectos da NR18 e outros dispositivos complementares de segurança DIMENSIONAMENTO DO SERVIÇO DE SEGURANÇA, HIGIENE E MEDICINA DO Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 57 de 74

58 TRABALHO PARA EMPRESAS CONTRATADAS Cabe às empresas contratadas organizar e manter durante a vigência do contrato, o Serviço de Segurança, Higiene e Medicina do Trabalho, destinado à execução de medidas relacionadas com esses serviços Para fins de dimensionamento do número de pessoal especializado, a FPTI-BR se exigirá um quadro mínimo de pessoal especializado, conforme QUADRO I, anexo. 3 DISPOSIÇÕES FINAIS 3.1 Além das normas estabelecidas nesta Orientação Técnica, a empresa contratada deverá adotar as Normas Administrativos da ITAIPU e a legislação vigente sobre Higiene e Segurança do trabalho. 3.2 Cabe a FPTI-BR o direito de fazer outras exigências com relação a Higiene, Segurança do Trabalho e a CIPA das Empresas Contratadas, sempre que julgar necessário para maior eficácia na proteção do elemento humano e do patrimônio da FPTI-BR e da ITAIPU, e das próprias empresas contratadas. 4 DOCUMENTOS INTEGRANTES 4.1 Integram-se à presente Orientação Técnica, os seguintes modelos de formulários: a) Quadro I Dimensionamento do número de pessoal especializado em função do grau de risco da atividade e do número de empregados; b) Quadro II Classificação de atividades econômicas para os trabalhos na área da FPTI-BR Grau de Risco; c) Anexo A - Relatório de Acidente do Trabalho Empresa Contratada; d) Anexo B - Relatório de Estatística de Acidentes de Trabalho; Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 58 de 74

59 QUADRO I DIMENSIONAMENTO DO NÚMERO DE PESSOAL ESPECIALIZADO EM FUNÇÃO DO GRAU DE RISCO DA ATIVIDADE E DO NÚMERO DE EMPREGADOS GRAU DE RISCO NÚMERO DE EMPREGADOS TÉCNICOS 2 A A A A A A 1000 AUXILIAR DE SEGURANÇA DO TRABALHO TÉCNICO DE SEGURANÇA DO TRABALHO 1 e ENGENHEIRO DE SEGURANÇA DO TRABALHO 2 AUXILIAR DE ENFERMAGEM DO TRABALHO MÉDICO DO TRABALHO AUXILIAR DE SEGURANÇA DO TRABALHO TÉCNICO DE SEGURANÇA DO TRABALHO 1* ENGENHEIRO DE SEGURANÇA DO TRABALHO 1* 1 AUXILIAR DE ENFERMAGEM DO TRABALHO MÉDICO DO TRABALHO 1 AUXILIAR DE SEGURANÇA DO TRABALHO TÉCNICO DE SEGURANÇA DO TRABALHO 1* ENGENHEIRO DE SEGURANÇA DO TRABALHO 1** AUXILIAR DE ENFERMAGEM DO TRABALHO 1 MÉDICO DO TRABALHO 1** 1* 1 Notas: 1. Auxiliar de Segurança do Trabalho é um empregado com conhecimentos básicos de medidas de segurança, que auxilia nas tarefas de inspeção das instalações e condições de trabalho, no efetivo uso de equipamentos de proteção, na elaboração de relatório de acidente do trabalho, visando assegurar condições de segurança e higiene no trabalho. Este NÃO substitui legalmente o Técnico de Segurança do Trabalho. 2. *O Profissional poderá fazer tempo parcial de meio período. 3. ** O Profissional poderá fazer tempo parcial de 3 horas. 4. Para "Grau de Risco", consulte o QUADRO II. 5. QUADRO I dimensiona o número MÍNIMO de pessoal especializado. Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 59 de 74

60 QUADRO II CLASSIFICAÇÃO DE ATIVIDADES ECONÔMICAS PARA OS TRABALHOS NA ÁREA DA FPTI-BR GRAU DE RISCO CÓDIGO ATIVIDADES 1 SILVICULTURA/MANEJO FLORESTAL; CULTIVO DE FLORES E PLANTAS ORNAMENTAIS; 3 2 PESCA, AQÜICULTURA E SERVIÇOS RELACIONADOS; 3 3 FABRICAÇÃO DE ESTRUTURAS METÁLICAS; CALDEIRARIA; 4 4 TRABALHOS REALIZADOS COM MADEIRA; CARPINTARIA; 3 5 RECICLAGEM DE SUCATAS METÁLICAS E NÃO METÁLICAS; 3 6 CAPTAÇÃO, TRATAMENTO E DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA; 3 GRAU DE RISCO 7 CONSTRUÇÃO: PREPARAÇÃO DE TERRENO; DEMOLIÇÃO; PERFURAÇÃO; EDIFICAÇÕES; OBRAS VÁRIAS; ALUGUEL DE EQUIPAMENTOS DE CONSTRUÇÃO E DEMOLIÇÃO COM OPERÁRIOS; 4 8 CONSTRUÇÃO: OBRAS DE URBANIZAÇÃO E PAISAGISMO; SINALIZAÇÃO VIÁRIA; 3 9 CONSTRUÇÃO: MONTAGENS INDUSTRIAIS; CONSTRUÇÃO: BARRAGEM; ESTAÇÕES E REDES DE DISTRIBUIÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA; REDES DE TELEFONIA E COMUNICAÇÃO; 4 OBRAS: INSTALAÇÕES ELÉTRICAS; AR CONDICIONADO; VENTILAÇÃO; REFRIGERAÇÃO; HIDRÁULICAS; SANITÁRIAS; DE GÁS; CONTRA INCÊNDIO; PÁRA-RAIOS; 3 OBRAS: ALVENARIA E REBOCO; IMPERMEABILIZAÇÃO E SERVIÇOS DE PINTURA EM GERAL; OUTROS SERVIÇOS AUXILIARES; 3 13 COMERCIO A VAREJO DE COMBUSTÍVEIS; 3 14 COMÉRCIO VAREJISTA DE MERCADORIAS EM GERAL COM PREDOMINÂNCIA DE PRODUTOS ALIMENTÍCIOS INDUSTRIALIZADOS - LOJAS DE CONVENIÊNCIA; 2 15 RESTAURANTES; LANCHONETES E SIMILARES; COPA; 2 16 TRANSPORTE: RODOVIÁRIO DE PASSAGEIROS, URBANO E NÃO URBANO; RODOVIÁRIO DE CARGAS EM GERAL; CARGAS E DESCARGAS; 3 17 MANUTENÇÃO E REPARAÇÃO DE MÁQUINAS DE ESCRITÓRIO E DE INFORMÁTICA; 2 18 PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS: JURÍDICO; DE CONTABILIDADE E DE AUDITORIA; GESTÃO EMPRESARIAL; SERVIÇO SOCIAL; 1 19 SERVIÇOS DE ARQUITETURA E ENGENHARIA E DE ASSESSORAMENTO TÉCNICO ESPECIALIZADO; 2 20 ATIVIDADES DE INVESTIGAÇÃO; VIGILÂNCIA; SEGURANÇA; 3 21 ATIVIDADE DE LIMPEZA EM PRÉDIOS; URBANA; ESGOTOS; 3 22 ATIVIDADES DE ATENÇÃO AMBULATORIAL; ÁREAS DE SAÚDE; 3 23 CRIAÇÃO DE ANIMAIS; TRATAMENTO DE ANIMAIS; SERVIÇOS VETERINÁRIOS; 3 24 EDUCAÇÃO E TREINAMENTO EM SALA DE AULA; PUBLICIDADE. 2 Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 60 de 74

61 ANEXO - A MODELO ESTATÍSTICA MENSAL DE ACIDENTE DE TRABALHO Logo N contrato Empresa CGC Endereço Telefone RESUMO ESTATÍSTICO DE ACIDENTE DE TRABALHO ITE ASSUNTO 01 Total de homens/horas de trabalho no ano Jan Fev Mar Número de meses computados = N1 03 Número médio de trabalhadores no ano = N2 (N2 = soma total de trabalhadores a cada mês + N1) 04 Número de acidentados sem afastamento = N3 05 Número de acidentados com afastamento (até 15 dias) = N4 06 Número de acidentados com afastamento (acima de 15 dias) = N5 07 Total de dias perdidos (devido N4) = D1 08 Total de dias perdidos (devido N5) = D2 09 Total de dias debitados = D Total de acidentes fatais = F1 Total de horas/aula de treinamento (conforme item 18.28, da NR-18) = T1 Número de trabalhadores treinados (devido a T1) = T2 Assinatura Contratada e Carimbo Segurança do Trabalho - FPTI Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 61 de 74

62 ANEXO - B RELATÓRIO DE ACIDENTE DO TRABALHO EMPRESA CONTRATADA Nome da Empresa ESTE RELATÓRIO DEVERÁ SER INDIVIDUAL EMITIDO PARA QUALQUER TIPO DE ACIDENTE. Nº Contrato: 1 Nome do acidentado 2- Idade 3 - Nacionalidade 4- Matrícula 5 Cargo 6 Função 7 Tempo na função Anos Mês(es) 8 Admissão 9 Houve outro (s) acidentado (s)? 10 Ocorrência 11- Hora ( ) Sim ( ) Não Data / / h 12 Jornada de trabalho ( ) Normal 13 - Execução de serviço ( ) Diurna ( ) Turno ( ) Extra ( ) De rotina ( ) De emergência 14 Capacitado para a função? 15 Treinamento de Segurança do Trabalho 16 - Foi Acidentado anteriormente? ( ) Sim ( ) Não ( ) Sim ( ) Não ( ) Sim Quantas vezes? ( ) 17 Acidentado foi atendido por médico? 18 Ocorrência de Morte do acidentado : ( ) Sim Quando? / / Onde? ( ) Não 19 Descrição exata do local do acidente: Do Acidentado ( ) Sim ( ) Não De outras pessoas envolvidas no acidente? ( ) Sim ( ) Não Quantas mortes? ( ) 20 Descrição do acidente Relatar detalhadamente: 21 - Esta atividade era compatível com a sua função? ( ) Sim ( ) Não, detalhar: 22 Usava equipamento de proteção individual no momento do acidente, adequado à atividade? ( ) Sim Qual? ( ) Não Por que? 23 Utilizava ferramenta / equipamento? ( ) Sim ( ) Não ( ) Qual? 24 Condições da ferramenta/equipamento no momento do acidente ( ) Boa ( ) Regular ( ) Ruim. Se ruim, descrever: 25 Houve danos materiais? ( ) Sim Quais? 26 - Procedimentos adotados para evitar nova ocorrência de acidentes do trabalho: 27 Testemunhas do acidente Matrícula/Empresa Nome Nome Matrícula/Empresa 28 - Chefe imediato Matrícula Rubrica Órgão Data 1 a. Via Órgão de Pessoal da Empresa Contratada 2 a. Via ao Gestor do Contrato-FPTI-BR Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 62 de 74

63 ANEXO VIII MINUTA DO CONTRATO CONTRATO FPTI-BR Nº..../2012 CONTRATO de Registro de Preços para Contratação, Sob Demanda, de Serviços de Manutenção Preventiva, Corretiva e Pequenas Adequações de Obras, no Parque Tecnológico Itaipu Brasil, que entre si celebram a FPTI-BR Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil e a empresa... Processo FPTI-BR nº..../2012 FUNDAÇÃO PARQUE TECNOLÓGICO ITAIPU BRASIL, pessoa jurídica de direito privado, sem fins lucrativos, inscrita no CNPJ/MF sob o nº / , com sede na Av. Presidente Tancredo Neves, nº. 6731, CEP: , na cidade de Foz do Iguaçu, Estado do Paraná, representada pelo seu Diretor Superintendente, Sr. Juan Carlos Sotuyo, e seu Diretor Administrativo Financeiro, Sr. Márcio Ribeiro Luzia, doravante simplesmente FPTI-BR, e de outro lado,... LTDA ME., inscrita no CNPJ/MF sob o nº...., com sede na Rua..., nº...., Centro, CEP:..., na cidade de..., Estado..., neste ato representada por..., Sr (a)..., portador (a) da Cédula de Identidade nº.... SSP/... e inscrito (a) no CPF/MF sob o nº...., designada doravante simplesmente CONTRATADA, firmam o presente Contrato, mediante as seguintes Cláusulas e condições, as quais prevalecerão entre as Partes em tudo quanto se conformarem e não conflitarem com as prescrições legais de direito privado, regulamentares e administrativas que regem a matéria, especificamente o Regulamento de Contratações da FPTI-BR (Resolução RCD 080/2011). CAPÍTULO I OBJETO CLÁUSULA PRIMEIRA O presente instrumento tem por objeto o registro dos preços ofertados pela CONTRATADA, conforme ANEXO I, para a prestação dos serviços de Manutenção Preventiva, Corretiva e Pequenas Adequações de Obras, no Parque Tecnológico Itaipu Brasil. Parágrafo Único - Fazem parte do presente instrumento os seguintes documentos: ANEXO I ANEXO II ANEXO III ANEXO IV Proposta Comercial Termo de Referência Modelo de Planilha de Solicitação de Serviços e Minuta de Ordem de Serviço Carta de Nomeação de Representante Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 63 de 74

64 CAPÍTULO II CONDIÇÕES PARA A PRESTAÇÃO DOS SERVIÇOS CLÁUSULA SEGUNDA O Contrato de prestação de serviços será caracterizado, somente, mediante cada Ordem de Serviço Anexo III, emitida pela área gestora deste Instrumento, devidamente assinada por dois diretores da FPTI-BR. Parágrafo Primeiro Cada Ordem de Serviço constituirá um Contrato de Prestação de Serviço entre a FPTI-BR e a CONTRATADA, o qual terá como cláusulas gerais, este Contrato. Parágrafo Segundo Os serviços relativos a processos seletivos, que porventura não estejam elencados no Anexo I, mas que constituam prestação de serviços da mesma espécie, poderão ser objeto de contratação, através de Ordem de Serviço, obedecendo a todas as regras deste Contrato. Parágrafo Terceiro A CONTRATADA obriga-se a atender a todas as Solicitações de Serviço emitidas pela FPTI-BR as quais devam ser previamente analisadas e pactuada entre as partes, respeitando o cronograma e prazos para elaboração. Caso não possa atender as exigências, a CONTRATADA deve justificar em até 05 (cinco) dias corridos contados a partir da data de recebimento da Ordem de Serviço a não realização do mesmo. Parágrafo Quarto Na hipótese de os serviços prestados pela CONTRATADA não atenderem de forma satisfatória as exigências contidas no Anexo III, esta se obrigará a alterar ou refazer o objeto contratado na metade do prazo inicialmente previsto na Ordem de Serviço, descrito no Anexo III, a partir da notificação, independentemente da aplicação das penalidades previstas neste instrumento. CAPÍTULO III REPRESENTAÇÃO E COMUNICAÇÕES CLÁUSULA TERCEIRA A FPTI-BR, por meio de suas áreas gestoras deste Contrato, conforme abaixo assinadas, fiscalizará e acompanhará sua execução, atuando como representante da FPTI-BR. Parágrafo Primeiro - A CONTRATADA indicará, no prazo de 05 (cinco) dias corridos, por escrito, contados a partir da assinatura do presente, um representante (conforme Anexo IV), que será o seu preposto, com poderes para responder, perante a FPTI-BR, pela execução do objeto, até o total cumprimento das obrigações aqui assumidas. Parágrafo Segundo - O representante terá poderes para receber em nome da Parte as comunicações e instruções formalizadas por escrito pela outra Parte. Parágrafo Terceiro As Partes comprometem-se a substituir seus representantes quando, comprovadamente, estes não atenderem aos objetivos da função, comprometendo o cumprimento do Contrato. CLÁUSULA QUARTA Todas as comunicações trocadas entre as Partes deverão ser efetuadas por escrito e protocoladas no recebimento, devendo constar como referência em tais comunicações o número deste Contrato, através dos seguintes meios: (I) carta registrada, com comprovante de recebimento, ou (II) fax, com prova de transmissão, ou (III) entrega pessoal, com protocolo assinado pelo próprio destinatário ou, na sua ausência, por representante legal por este indicado, ou ainda por (IV) meio eletrônico. CLÁUSULA QUINTA O representante da FPTI-BR terá as seguintes atribuições: a)decidir, em nome da FPTI-BR, todas as ocorrências relacionadas com a execução deste Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 64 de 74

65 Contrato; b)emitir o documento Ordem de Serviço, nos moldes do Anexo III; c)solicitar correções dos serviços executados de forma irregular bem como a rescisão contratual, sempre que considerar a medida necessária, requerendo a imputação das penalidades previstas neste instrumento em face da CONTRATADA no caso de inadimplemento das obrigações aqui assumidas. CAPÍTULO IV PREÇO CLÁUSULA SEXTA Para fins específicos de acréscimo ou supressão de valores, dá-se ao Contrato o valor de R$... (... reais). Contudo o referido valor não será garantia de faturamento. Parágrafo Primeiro - Os preços serão calculados de acordo com o estabelecido na Proposta Comercial Anexo II. Parágrafo Segundo A CONTRATADA não poderá formular nenhuma reclamação por eventual erro de cálculo ocorrido na formação dos preços constantes na proposta de execução dos serviços prestados. Parágrafo Terceiro No preço estão incluídas todas as obrigações, encargos, tributos, ou quaisquer custos incidentes para a consecução do objeto ora elencado neste instrumento, não podendo ser atribuída à FPTI-BR nenhuma despesa adicional. CAPÍTULO V VIGÊNCIA CONTRATUAL CLÁUSULA SÉTIMA Este Contrato terá a vigência de 04 (quatro) meses, contados a partir da data de sua assinatura. O prazo de vigência deste instrumento poderá ser renovado por até igual perído, havendo concordância de ambas as partes. Parágrafo Primeiro A existência deste Contrato não obriga a FPTI-BR a efetuar as Ordens de Serviços que poderão advir do mesmo, pois, este instrumento presta-se, tão somente, para registrar o valor praticado pela CONTRATADA e estipular regras para a contratação dos serviços descritos no Anexo I e outros que se relacionem intrinsecamente com a execução daquele, mesmo que porventura não estejam elencados no Anexo I. Paragrafo Segundo A CONTRATADA somente poderá negar-se a atendar as Solicitações da FPTI-BR por motivo devidamente justificado e aceito pela FPTI-BR. CAPÍTULO VI OBRIGAÇÕES DAS PARTES CLÁUSULA OITAVA A CONTRATADA obriga-se a: Manter durante toda a vigência deste Contrato todas as condições exigidas por ocasião de sua assinatura, no que se refere a regularidade social e fiscal; Cumprir as disposições contratuais e das Solicitações de Serviços a seu cargo, de acordo com a melhor técnica e diligência aplicáveis a trabalhos desta natureza, bem como rigorosa observância dos Anexos deste Contrato; Respeitar e cumprir as Normas Administrativas em vigor da FPTI-BR; Responsabilizar-se por quaisquer danos e/ou prejuízos causados à FPTI-BR ou a terceiros, em decorrência da execução dos serviços contratados, não importando se a ação ou omissão foi decorrente de culpa ou dolo, ou ainda, em consequências do inadimplemento de qualquer condição ou cláusula deste Contrato ou da Ordem de Serviço; Responsabilizar-se integralmente pela contratação e pagamento do pessoal que vier a ser Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 65 de 74

66 necessário e se encontrar em efetivo exercício nas atividades inerentes à execução dos serviços solicitados pela FPTI-BR, inclusive pelos encargos sociais, obrigações trabalhistas e previdenciárias, e os encargos eventualmente decorrentes do ajuizamento de demandas judiciais bem como por todos os ônus tributários ou extraordinários, devidos em função do presente ajuste, excluída qualquer responsabilidade solidária ou subsidiária da FPTI-BR; Comprovar, quando solicitado pela FPTI-BR, o pagamento, aos empregados vinculados à prestação dos serviços objeto das Solicitações de Serviços, dos salários, horas extras, décimo terceiros, avisos prévios, indenizações, seguros contra acidentes de trabalho e demais encargos previstos na legislação vigente; Organizar e manter atualizada a documentação de pessoal pelo prazo correspondente às prescrições trabalhistas, fiscais e previdenciária; Utilizar profissionais devidamente habilitados para executar as tarefas que lhes forem designadas; Substituir, qualquer um de seus empregados em serviço cuja atuação, permanência ou comportamento forem, comprovadamente, prejudiciais, inconvenientes ou insatisfatórios à prestação dos serviços e à disciplina; Guardar sigilo, sob as penas da lei, por si e por seus empregados sobre informações, dados e documentos da FPTI-BR a que eventualmente venha a ter acesso em virtude do presente Contrato ou de Ordem de Serviço, não podendo reproduzi-los no todo ou em parte, sem prévia autorização; Não utilizar, em todas as atividades relacionadas com a execução deste instrumento ou de Ordem de Serviço, mão de obra infantil, nos termos do inciso XXXIII do artigo 7º da Constituição da República Federativa do Brasil, bem como exigir que a referida medida seja adotada nos contratos firmados com os fornecedores de seus insumos e/ou prestadores de serviços, sob pena de rescisão do Contrato. CLÁUSULA NONA A FPTI-BR obriga-se a: a) Providenciar os pagamentos à CONTRATADA à vista das notas fiscais/faturas devidamente atestadas pela área gestora deste Contrato nos prazos previamente fixados no mesmo; b) Fiscalizar e acompanhar a execução dos serviços; c) Fornecer, mediante solicitação escrita da CONTRATADA, informações adicionais, dirimir dúvidas e orientá-la nos casos omissos; d) Comunicar à CONTRATADA toda e qualquer ocorrência relacionada com a execução dos serviços, diligenciando nos casos que exigem providências corretivas; e) Responsabilizar-se por quaisquer danos e/ou prejuízos causados à CONTRATADA ou a terceiros, em decorrência da desistência e/ou alteração da Ordem de Serviço aprovada, não importando se a ação ou omissão foi decorrente de culpa ou dolo, salvo após formalização antecipada de cinco (05) dias do cronograma acordado entre as partes. CAPÍTULO VII PRAZO EXECUÇÃO DOS SERVIÇOS CLÁUSULA DÉCIMA Após a emissão de cada Ordem de Serviço, a CONTRATADA deverá: a) em até 02 (dois) dias úteis, enviar o cronograma com a programação das atividades de seleção; b) em até 30 (trinta) dias corridos, apresentar os candidatos para a FPTI-BR. Parágrafo Primeiro O Parecer de Avaliação com a síntese das competências dos candidatos deve ser encaminhado com no mínimo 05 (cinco) dias úteis, antes da data prevista para a entrevista final dos candidatos. Parágrafo Segundo O prazo de execução do processo, dependendo das características do Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 66 de 74

67 cargo, da complexidade em atrair a mão de obra necessária e da urgência da FPTI-BR, poderá ser reavaliado por ambas as partes. Parágrafo Terceiro Emitida a Ordem de Serviço a CONTRATADA será notificada por meio eletrônico ou fax, correndo, desde então o prazo para a execução dos serviços. Parágrafo Quarto A via original da Ordem de Serviço poderá ser retirada pela CONTRATADA, junto à área gestora deste Contrato ou a mesma poderá solicitar que lhe seja enviado por correio. CAPÍTULO VIII FORMA E CONDIÇÕES DE PAGAMENTO CLÁUSULA DÉCIMA PRIMEIRA A FPTI-BR pagará à CONTRATADA, pelos serviços prestados, o valor pertinente, conforme estabelecido no Anexo II, Proposta Comercial. Parágrafo Primeiro O pagamento pela prestação dos serviços realizados pela CONTRATADA, constantes das Ordens de Serviço, serão efetuados no prazo de até 10 (dez) dias úteis, contados da entrega da seguinte documentação, a qual será atestada pela área gestora deste Contrato: a)relatório de Serviço Executado (RSE); b)correspondência com a solicitação do respectivo pagamento, relativo a realização dos serviços medidos e fornecimentos executados; c)original da nota fiscal/fatura relativa a realização do objeto contratado, discriminando-se detalhadamente os valores cobrados, os serviços e os fornecimentos executados, o número da Ordem de Serviço a identificação do instrumento contratual e demais informações pertinentes. Deverá(ão) ser discriminado(s) na Nota Fiscal o(s) Tributo(s) a ser(em) retido(s) e o(s) seu(s) respectivo(s) valor(es), conforme legislação vigente. CLÁUSULA DÉCIMA SEGUNDA O RSE deverá ser encaminhada à FPTI-BR, no primeiro dia útil de cada mês. A FPTI-BR terá o prazo de até 03 (três) dias úteis aprovação ou solicitação de correção do RSE. Parágrafo Primeira No caso de necessidade de correção da RSE por parte da CONTRATADA, a mesma deverá apresentar o produto corrigido em no máximo 03 (três) dias úteis, contados da solicitação de correção da RSE pela FPTI-BR. Parágrafo Segunda Após reanálise da FPTI-BR, que não poderá ultrapassar o prazo de 03 (três) dias úteis, atestada a conformidade do relatório, deverá ser o mesmo encaminhado à FPTI-BR da forma indicada neste Capítulo. CLÁUSULA DÉCIMA TERCEIRA Caso a CONTRATADA não apresente a documentação completa exigida contratualmente para liberação do pagamento no prazo estabelecido, o respectivo pagamento dos serviços somente ocorrerá até 10 (dez) dias corridos, contados a partir da data da apresentação formal, à FPTI-BR pela CONTRATADA, do(s) respectivo(s) documento(s) faltante(s). CLÁUSULA DÉCIMA QUARTA A FPTI-BR poderá deduzir das notas fiscais, mediante glosa, valores em cobrança sem o respaldo contratual ou de débitos da CONTRATADA decorrente de compromissos assumidos neste Contrato ou em Ordem de Serviço. Parágrafo Primeiro Os valores de multas aplicadas à CONTRATADA serão descontadas das notas fiscais. Nenhuma multa será aplicada pela FPTI-BR sem que tenha sido resguardado o Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 67 de 74

68 direito à CONTRATADA do contraditório e da ampla defesa. Parágrafo Segundo Os pagamentos serão efetuados mediante deposito em conta corrente de titularidade da CONTRATADA, a ser informada pela mesma. O comprovante de depósito suprirá automaticamente o recibo de pagamento. Parágrafo Terceiro A FPTI-BR não efetuará pagamentos que tenham sido colocados em cobrança ou descontos em bancos, e não se responsabilizará pelo pagamento de parcelas contratuais negociada pela CONTRATADA na rede bancária. Parágrafo Quarto A(s) Ordem(ns) de Serviço(s) somente serão pagas após sua total conclusão. CAPÍTULO IX SIGILO CLÁUSULA DÉCIMA QUINTA A CONTRATADA obriga-se a manter o mais completo e absoluto sigilo sobre quaisquer dados, materiais, pormenores, informações, documentos, especificações técnicas ou comerciais, inovações ou aperfeiçoamentos da FPTI-BR de que venha a ter conhecimento ou acesso, ou que venha a lhe ser confiado, em razão deste Contrato, sejam eles de interesse da FPTI-BR, ou de terceiros, não podendo divulgar, revelar, reproduzir, utilizar ou deles dar conhecimento a terceiros, estranhos a esta contratação, responsabilizando-se a CONTRATADA pela reparação de danos decorrentes da obrigação ora assumida. CLÁUSULA DÉCIMA SEXTA A CONTRATADA fica proibida de veicular publicidade e divulgar qualquer informação relativa ao objeto da prestação dos serviços sem prévia e expressa autorização da FPTI-BR, devendo manter sigilo absoluto sobre dados e documentos integrantes dos serviços a serem prestados. CAPÍTULO X PENALIDADES CLÁUSULA DÉCIMA SÉTIMA - Em caso de inexecução total ou parcial de cada Ordem de Serviço, a FPTI-BR poderá aplicar à CONTRATADA as penalidades, incidentes sobre o valor da cada Ordem de Serviço, conforme consta a seguir: I. Multa moratória de 0,33% (zero virgula trinta e três por cento), a ser calculada sobre o valor total de cada Ordem de Serviço, por dia de atraso, pelo não cumprimento; II. Multa compensatória de 10% (dez por cento) do valor da Ordem de Serviço, para o caso de rescisão contratual por inadimplência. Parágrafo Primeiro A recusa injustificada pela CONTRATADA em aceitar a Ordem de Serviço emitida pela FPTI-BR acarretará em multa no valor de 10% (dez por cento) do valor da Ordem de Serviço recusada, salvo em conformidade com o Paragrafo Terceiro da Cláusula Segunda, ou ainda, quando o serviço estiver contrário ao cronograma acordado entre as partes. Parágrafo Segundo A cada obrigação contratual descumprida será aplicada a multa correspondente. Parágrafo Terceiro - A multa não será aplicada caso o fato gerador em que incorreu a CONTRATADA tenha sido consequências de motivo de força maior ou caso fortuito. Parágrafo Quarto - Para efeito de contagem do prazo moratório, conta-se o dia de início do descumprimento e deixa-se de contar o dia em que a obrigação foi cumprida. Parágrafo Quinto - As penalidades serão aplicadas com observância dos princípios da ampla Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 68 de 74

69 defesa e do contraditório. Fica reservado a CONTRATADA e/ou a FPTI-BR, nos casos definidos nesta cláusula, direito à interposição de Recurso. Parágrafo Sexto As importâncias relativas às multas serão descontadas dos pagamentos a serem efetuados pela FPTI-BR à CONTRATADA, porém, se forem insuficientes, serão cobradas por meio de cobrança administrativa ou judicial. Parágrafo Sétimo Poderá ainda ser aplicada a penalidade de suspensão do cadastro de fornecedores da FPTI-BR, por prazo não superior a 02 (dois) anos. Parágrafo Oitavo As penalidades aqui estabelecidas não excluem nenhuma outra prevista em lei ou Norma de Contratações da FPTI-BR, nem a responsabilidade da CONTRATADA por perdas e danos causados à FPTI-BR em consequência de inadimplemento de qualquer condição ou cláusula estabelecida neste Contrato ou em Ordem de Serviço. CLÁUSULA DÉCIMA OITAVA - No caso de atraso do pagamento das parcelas por parte da FPTI-BR, poderá A CONTRATADA aplicar multa conforme a seguir: I. Multa de 2% (dois por cento), sobre o valor da parcela pendente; II. Juros de 1% (um por cento) ao mês, sobre o valor da parcela pendente. CAPÍTULO XI EXTINÇÃO DO CONTRATO CLÁUSULA DÉCIMA NONA Este instrumento poderá ser rescindido a qualquer tempo pela FPTI-BR, não tendo direito, a CONTRATADA, a qualquer indenização. CLÁUSULA VIGÉSIMA O presente Contrato poderá ser resolvido por qualquer das Partes, mediante simples aviso, com antecedência mínima de 15 (quinze) dias corridos, caso a outra Parte: a)descumpra ou deixe de executar regularmente sem justa causa e prévia comunicação à outra Parte suas obrigações assumidas mediante este Contrato ou qualquer cláusula ou condição do mesmo e seus Anexos, bem como das Ordens de Serviço, ou ainda: b)ceda ou transfira seus direitos e obrigações assumidos por meio deste Contrato; c)entre em processo de falência, recuperação judicial ou de insolvência civil; d)caso os valores registrados neste Contrato sejam superiores aos praticados no mercado e a CONTRATADA não aceite reduzi-los. Parágrafo Primeiro O presente Contrato poderá ser igualmente extinto no caso de ocorrência de caso fortuito ou de força maior. Parágrafo Segunda Em caso de resolução deste instrumento por qualquer das hipóteses desta cláusula, extinguem-se de imediato as obrigações ora assumidas pelas Partes, mantendo-se vigentes as obrigações que, por sua natureza, sobrevivem à extinção do Contrato. CLÁUSULA VIGÉSIMA PRIMEIRA Ocorrendo a rescisão do presente instrumento pelos motivos expostos acima, a CONTRATADA deverá concluir as demandas que estiverem em andamento. CAPÍTULO XII - DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA DAS ORDENS DE SERVIÇO CLÁUSULA VIGÉSIMA SEGUNDA Os dados referentes às despesas das Ordens de Serviço serão descritos em cada Ordem de Serviço emitida pela área gestora deste Contrato. Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 69 de 74

70 CAPÍTULO XIII DESEQUILÍBRIO DA EQUAÇÃO ECONÔMICO-FINANCEIRA DO CONTRATO CLÁUSULA VIGÉSIMA TERCEIRA Em ocorrendo fato superveniente, extraordinário, irresistível e imprevisível que altere o equilíbrio da equação econômico-financeira original deste Contrato, as partes renegociarão as suas condições para que se retorne à equação comutativa originária. CAPÍTULO XIV CONDIÇÕES GERAIS CLÁUSULA VIGÉSIMA QUARTA Não existe entre as partes contratantes qualquer vínculo de ordem trabalhista ou societária, não havendo entre a CONTRATADA e a FPTI-BR qualquer tipo de relação de parceria ou subordinação. CLÁUSULA VIGÉSIMA QUINTA Fica expressamente vedada a transferência e/ou cessão, subcontratação deste Contrato a terceiros, no todo ou em parte, sem o prévio consentimento por escrito da FPTI-BR. CLÁUSULA VIGÉSIMA SEXTA Este Contrato será, em qualquer caso, interpretado como um todo, em conformidade com seu significado justo e não de forma estritamente favorável ou desfavorável a uma das partes. Os títulos dos parágrafos são inseridos apenas para conveniência de consulta e não têm significado relevante. Quando necessário para que o significado seja apropriado, o plural será considerado o singular e o singular será considerado o plural. Na hipótese de eventual divergência ou inconsistência entre qualquer disposição deste Contrato e qualquer outra disposição em um anexo, o anexo prevalecerá somente com respeito ao objeto daquele anexo em particular ou quando o anexo ou este Contrato assim dispuser. CLÁUSULA TRIGÉSIMA Os termos deste Contrato são divisíveis e a invalidade ou inexequibilidade de qualquer termo não afetará a validade ou exequibilidade de nenhum outro. CAPÍTULO XV - FORO CLÁUSULA TRIGÉSIMA PRIMEIRA Fica eleito o foro da Comarca de Foz do Iguaçu/PR, com renúncia expressa de qualquer outro, por mais privilegiado que seja para dirimir eventuais controvérsias oriundas deste Contrato. E, por estarem de pleno acordo, as partes assinam o presente instrumento em 02 (duas) vias de igual teor e efeito, na presença das testemunhas abaixo. Foz do Iguaçu,.. de... de FPTI-BR: CONTRATADA: Juan Carlos Sotuyo Diretor Superintendent Sócio (a) Administrador (a) Márcio Ribeiro Luzia Diretor Administrativo Financeiro Sócio Administrador Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 70 de 74

71 GESTOR TÉCNICO RG: CPF: TESTEMUNHAS: Nome: RG: CPF: GESTOR CONTRATUAL Nome: RG: CPF: Nome: RG: CPF: Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 71 de 74

72 ANEXO III - DO CONTRATO Av. Presidente Tancredo Neves, 6731 MODELO DE PLANILHA DE SOLICITAÇÃO DE SERVIÇO Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 72 de 74

73 ANEXO III - DO CONTRATO MINUTA DE ORDEM DE SERVIÇO Av. Presidente Tancredo Neves, 6731 Fundação Parque Tecnológico Itaipu Brasil Processo nº. 0096/12 Edital FPTI-BR nº. 040/12 73 de 74

EDITAL DE CONCORRÊNCIA PÚBLICA 01/2014

EDITAL DE CONCORRÊNCIA PÚBLICA 01/2014 EDITAL DE CONCORRÊNCIA PÚBLICA 01/2014 O PRESIDENTE DA COMPANHIA ÁGUAS TERMAIS MARCELINO RAMOS no uso de suas atribuições legais e estatutárias e de conformidade com a Lei 8666/93 de 21 de junho de 1993

Leia mais

1.1 O recebimento dos envelopes dar-se-á até às 14:00h do dia 09 de março de 2010, pela Comissão Permanente de Licitação, no endereço acima citado.

1.1 O recebimento dos envelopes dar-se-á até às 14:00h do dia 09 de março de 2010, pela Comissão Permanente de Licitação, no endereço acima citado. EDITAL DE CARTA CONVITE N 02/2010 CRM-PR OBJETIVANDO A CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSESSORIA PARA O DESENVOLVIMENTO E SUPERVISÃO DE PROJETO DE TELEMEDICINA, VIDEOCONFERÊNCIA E EDUCAÇÃO CONTINUADA PARA

Leia mais

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2010. SESSÃO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona 1200 7º andar Horário: 10:30 horas do dia 08 de março de 2.

TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2010. SESSÃO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona 1200 7º andar Horário: 10:30 horas do dia 08 de março de 2. IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM 03 (TRÊS) DIAS DE ANTECEDENCIA NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP: 01405-001

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 007/2008

CARTA CONVITE Nº 007/2008 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO E COM ATÉ 24 HS DE ANTECEDÊNCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 - JD. PAULISTA -

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 028/2009 M I N U T A

CARTA CONVITE Nº 028/2009 M I N U T A IMPORTANTE : PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDÊNCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JARDIM PAULISTA

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 005/2008 M I N U T A

CARTA CONVITE Nº 005/2008 M I N U T A IMPORTANTE : PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDÊNCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP:

Leia mais

PROCESSO Nº. 0065/2012 REABERTURA EDITAL FPTI-BR Nº. 023/2012 MODALIDADE: CONCORRÊNCIA TIPO: TÉCNICA E PREÇO vs 20/06/2012

PROCESSO Nº. 0065/2012 REABERTURA EDITAL FPTI-BR Nº. 023/2012 MODALIDADE: CONCORRÊNCIA TIPO: TÉCNICA E PREÇO vs 20/06/2012 85867-9 Foz do Iguaçu, PR Tel. (45) 576-7 PROCESSO Nº. 65/ REABERTURA EDITAL FPTI-BR Nº. / MODALIDADE: CONCORRÊNCIA TIPO: TÉCNICA E PREÇO vs /6/ OBJETO: Seleção de proposta mais vantajosa apresentada por

Leia mais

PROCESSO FPTI-BR Nº. 0044/2013 EDITAL FPTI-BR Nº. 113/13 MODALIDADE: CONVITE TIPO: MAIOR PERCENTUAL DE DESCONTO

PROCESSO FPTI-BR Nº. 0044/2013 EDITAL FPTI-BR Nº. 113/13 MODALIDADE: CONVITE TIPO: MAIOR PERCENTUAL DE DESCONTO PROCESSO FPTI-BR Nº. 0044/2013 EDITAL FPTI-BR Nº. 113/13 MODALIDADE: CONVITE TIPO: MAIOR PERCENTUAL DE DESCONTO OBJETO: Seleção de empresa para Exploração dos serviços de fotocópia, impressão, plastificação

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 002/2010

CARTA CONVITE Nº 002/2010 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDENCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP:

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DA EDUCAÇÃO EEEP RITA MATOS LUNA JUCÁS CEARÁ

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ SECRETARIA DA EDUCAÇÃO EEEP RITA MATOS LUNA JUCÁS CEARÁ Convite N. 004/2015 Natureza da Despesa/ OBJETIVO: Fonte do Recurso Contratação de Serviço de INSTALAÇÃO DE SERVIÇO DE LINK DE INTERNET - 5MB Dotação Orçamentária Data da Emissão 22/06/2015 Data da Licitação

Leia mais

PROCESSO Nº. 0121/2011 EDITAL FPTI Nº. 046/11 MODALIDADE: CONCORRÊNCIA TIPO: MENOR PREÇO GLOBAL

PROCESSO Nº. 0121/2011 EDITAL FPTI Nº. 046/11 MODALIDADE: CONCORRÊNCIA TIPO: MENOR PREÇO GLOBAL PROCESSO Nº. 0121/2011 EDITAL FPTI Nº. 046/11 MODALIDADE: CONCORRÊNCIA TIPO: MENOR PREÇO GLOBAL OBJETO RESUMO: Contratação de empresa especializada para execução, com fornecimento de mão de obra, material

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO PEDRO DAS MISSÕES

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO PEDRO DAS MISSÕES PROCESSO LICITATÓRIO Nº 003/2016 TOMADA DE PREÇO Nº 003/2016 Aldoir Godois Vezaro, Prefeito Municipal de São Pedro das Missões RS, no uso de suas atribuições legais e de conformidade com a Lei nº 8.666,

Leia mais

PROCESSO LICITATÓRIO CONVITE N 01/2009 RESUMO

PROCESSO LICITATÓRIO CONVITE N 01/2009 RESUMO AÇÃO COMUNITÁRIA DO BRASIL ACB/RJ Plano Nacional de Qualificação - PlanSeQ CONVÊNIO MTE/SPPE/CODEFAT N 00010/08 PROCESSO LICITATÓRIO CONVITE N 01/2009 RESUMO A Comissão de Licitação da AÇÃO COMUNITÁRIA

Leia mais

CNPJ: 25.466.087/0001-18 ATO CONVOCATÓRIO EDITAL DE CONCORRÊNCIA ESPECIAL Nº PCGV 2011030011

CNPJ: 25.466.087/0001-18 ATO CONVOCATÓRIO EDITAL DE CONCORRÊNCIA ESPECIAL Nº PCGV 2011030011 ATO CONVOCATÓRIO EDITAL DE CONCORRÊNCIA ESPECIAL Nº PCGV 2011030011 1 PREÂMBULO. O INSTITUTO DE COOPERAÇÃO E EDUCAÇÃO AO DESENVOLVIMENTO (INCED) é instituição qualificada como Organização da Sociedade

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 003/2014 TIPO: MENOR PREÇO

CARTA CONVITE Nº 003/2014 TIPO: MENOR PREÇO CARTA CONVITE Nº 003/2014 TIPO: MENOR PREÇO PROCESSO Nº 003/2014 Tipo de Licitação: MENOR PREÇO DATA: 22/08/2014 HORÁRIO: 10h00min LOCAL: Universidade de Brasília Campus Universitário Darcy Ribeiro Edifício

Leia mais

FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE

FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE LICITAÇÃO PARA AQUISIÇÃO DE PNEUS DESTINADOS AOS VEÍCULOS DA SECRETARIA MUNICIPAL SAÚDE PARA O EXERCÍCIO DE DE 2014 2014 O FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE/MUNICIPIO DE DOMINGOS MARTINS, com sede na Rua Bernardino

Leia mais

PROCESSO Nº 574/2014 EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº7/2014. Do Objeto

PROCESSO Nº 574/2014 EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº7/2014. Do Objeto PROCESSO Nº 574/2014 EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº7/2014 O Município de Mariano Moro, RS, torna público, em conformidade com a Lei Federal n.º 8.666/93 e suas alterações, que no dia 30 de setembro as 14

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA TERRA DE LUTA E FÉ - DOE ORGÃOS, DOE SANGUE:SALVE VIDAS

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA TERRA DE LUTA E FÉ - DOE ORGÃOS, DOE SANGUE:SALVE VIDAS EDITAL DE CARTA CONVITE 027/2015 A PREFEITA MUNICIPAL DE SANTANA DA BOA VISTA, torna público, para conhecimento dos interessados, que no dia 20 DE NOVEMBRO DE 2015, às 10 horas, reunirse-á a Comissão Permanente

Leia mais

Projeto Fortalecimento dos Catadores e Catadoras e Ampliação da Coleta Seletiva no Grande ABC"

Projeto Fortalecimento dos Catadores e Catadoras e Ampliação da Coleta Seletiva no Grande ABC ABERTURA DE CARTA CONVITE nº 03/2012 Fornecimento de vales refeições e vales transportes para circulação na região do Grande ABC Convidado: Fone/fax: Endereço: Cidade: Estado: Prezados Senhores, Convidamos

Leia mais

EDITAL DA TOMADA DE PREÇO Nº. 014/2008

EDITAL DA TOMADA DE PREÇO Nº. 014/2008 1 EDITAL DA TOMADA DE PREÇO Nº. 014/2008 Objeto Contratar empresa especializada de Engenharia Mecânica para Instalação dos Equipamentos Industriais dos prédios de Utilidades e PPI do CBA. MANAUS/AM 2008

Leia mais

31/03/2014 a 16/04/2014, de segunda a sexta-feira, no horário das 8h às 17h

31/03/2014 a 16/04/2014, de segunda a sexta-feira, no horário das 8h às 17h PROCESSO Nº 2703.02/2014 COTAÇÃO PRÉVIA Nº 032/2014 TIPO: MENOR PREÇO GLOBAL POR LOTE Nº. SICONV 22317/2013 O Instituto Agropolos do Ceará, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita no Cadastro Nacional

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE BIOMEDICINA 1ª REGIÃO

CONSELHO REGIONAL DE BIOMEDICINA 1ª REGIÃO 1 CARTA CONVITE n.º 001/2011 São Paulo, 20 de outubro de 2011. O CONSELHO REGIONAL DE BIOMEDICINA - 1ª REGIÃO, nos termos da autorização constante no Processo Administrativo em epígrafe, vem, por intermédio

Leia mais

CARTA CONVITE 12/2015 FUnC REPUBLICAÇÃO

CARTA CONVITE 12/2015 FUnC REPUBLICAÇÃO 1 CARTA CONVITE 12/2015 FUnC REPUBLICAÇÃO 1 - PREÂMBULO 1.1 - A Fundação Universidade do Contestado, através do seu Departamento de Compras, situado à Rua Victor Sopelsa, 3000, Bairro Salete, Concórdia,

Leia mais

CRONOGRAMA DO PROCESSO SELETIVO:

CRONOGRAMA DO PROCESSO SELETIVO: PROCESSO N 1607.01/2013 COTAÇÃO PRÉVIA Nº 039/2013 TIPO: MENOR PREÇO POR LOTE Nº. SICONV 775434/2012 O Instituto Agropolos do Ceará, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita no Cadastro Nacional

Leia mais

FUNDO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE TURVO - PR. Tomada de Preço N.º 001/2014.

FUNDO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE TURVO - PR. Tomada de Preço N.º 001/2014. FUNDO DE PREVIDÊNCIA DOS SERVIDORES MUNICIPAIS DE TURVO - PR. Tomada de Preço N.º 001/2014. Emissão: 09/12/2014. Abertura: 29/12/2014. Horário: 10:00 H. O Fundo de Previdência dos Servidores Municipais

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO N.º 005/2014 CARTA CONVITE Nº 002/2014

EDITAL DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO N.º 005/2014 CARTA CONVITE Nº 002/2014 EDITAL DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO N.º 005/2014 CARTA CONVITE Nº 002/2014 O CONSELHO REGIONAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA DA 7ª REGIÃO CREF7/DF, Autarquia Federal, criada pela Lei nº 9.696/98, torna público

Leia mais

PROCESSO Nº. 0115/2012 EDITAL FPTI-BR Nº. 050/12 MODALIDADE: CONVITE TIPO: MENOR VALOR GLOBAL

PROCESSO Nº. 0115/2012 EDITAL FPTI-BR Nº. 050/12 MODALIDADE: CONVITE TIPO: MENOR VALOR GLOBAL PROCESSO Nº. 0115/2012 EDITAL FPTI-BR Nº. 050/12 MODALIDADE: CONVITE TIPO: MENOR VALOR GLOBAL Av. Presidente Tancredo Neves, 6731 OBJETO: Registro de Preços para Contratação, Sob Demanda, de Serviços de

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 023/2009

CARTA CONVITE Nº 023/2009 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO COM ATÉ 24 HORAS DE ANTECEDENCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP:

Leia mais

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DE RONDÔNIA SENAR-AR/RO CNPJ Nº. 04.293.236/0001-14

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DE RONDÔNIA SENAR-AR/RO CNPJ Nº. 04.293.236/0001-14 AVISO DE LICITAÇÃO O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural Administração Regional de Rondônia SENAR-AR/RO, comunica aos interessados que no dia 11/11/2010, ás 09:30 hs, ocorrerá a ABERTURA DOS ENVELOPES

Leia mais

EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº 001/2014 PROCESSO Nº 001/2014

EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº 001/2014 PROCESSO Nº 001/2014 EDITAL DE TOMADA DE PREÇO Nº 001/2014 PROCESSO Nº 001/2014 Encerramento: às 17:00 horas do dia 30 de setembro de 2014 Abertura dos Envelopes: às 8:00 horas do dia 01 de outubro de 2014 A SANTA CASA DE

Leia mais

PROCESSO Nº. 0140/2012 EDITAL FPTI-BR Nº. 068/12 MODALIDADE: CONVITE TIPO: MENOR VALOR GLOBAL

PROCESSO Nº. 0140/2012 EDITAL FPTI-BR Nº. 068/12 MODALIDADE: CONVITE TIPO: MENOR VALOR GLOBAL PROCESSO Nº. 0140/2012 EDITAL FPTI-BR Nº. 068/12 MODALIDADE: CONVITE TIPO: MENOR VALOR GLOBAL Av. Presidente Tancredo Neves, 6731 OBJETO: Registro de Preços para Contratação, Sob Demanda, de Serviços de

Leia mais

CONVITE Nº 14/2010. DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 01 / 06 / 2010 às 15 horas

CONVITE Nº 14/2010. DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 01 / 06 / 2010 às 15 horas CONVITE Nº 14/2010 DATA E HORÁRIO PARA RECEBIMENTO E ABERTURA DOS ENVELOPES Dia 01 / 06 / 2010 às 15 horas 01. DISPOSIÇÕES INICIAIS 1.1 O Senac Departamento Nacional torna público que, na Seção de Material,

Leia mais

PROCESSO Nº. 092/2014 EDITAL FPTI-BR Nº. 076/2014 MODALIDADE: COLETA DE PREÇOS TIPO: TÉCNICA E PREÇO

PROCESSO Nº. 092/2014 EDITAL FPTI-BR Nº. 076/2014 MODALIDADE: COLETA DE PREÇOS TIPO: TÉCNICA E PREÇO Av. Presidente Tancredo Neves, 6731 85867-900 Foz do Iguaçu, PR Tel. (45) 3576-7200 Fax. (45) 3576-7199 www.pti.org.br PROCESSO Nº. 092/2014 EDITAL FPTI-BR Nº. 076/2014 MODALIDADE: COLETA DE PREÇOS TIPO:

Leia mais

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRÁS

TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRÁS TELECOMUNICAÇÕES BRASILEIRAS S/A TELEBRÁS PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 008/2009 EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº 02/2009 1.1 MODALIDADE: PREGÃO PRESENCIAL 1.1.1.1 TIPO DE LICITAÇÃO: MAIOR DESCONTO OFERTADO

Leia mais

CONVITE N.º 129/2010 CPL/FMS/SMS/PMVR

CONVITE N.º 129/2010 CPL/FMS/SMS/PMVR 1 CONVITE N.º 129/2010 CPL/FMS/SMS/PMVR O MUNICÍPIO DE VOLTA REDONDA/RJ., por intermédio da COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO do /SMS/PMVR, atendendo requisitos do Processo Administrativo n.º 1806/2010/SMS/PMVR,

Leia mais

www.fundacaoaraucaria.org.br 2

www.fundacaoaraucaria.org.br 2 EDITAL DE LICITAÇÃO CONVITE 02/2013 Serviços de Auditoria 1. DO PREÂMBULO 1.1. A Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico, estabelecida em Curitiba, Av. Comendador Franco,

Leia mais

PROCESSO SELETIVO Nº 004/2012

PROCESSO SELETIVO Nº 004/2012 PROCESSO SELETIVO Nº 004/2012 O Instituto de Gestão e Humanização IGH, torna público para conhecimento dos interessados, que fará realizar Processo Seletivo objetivando a contratação de serviços de Coleta,

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 013/2007 PROCESSO N.º 1.612/2007

CARTA CONVITE Nº 013/2007 PROCESSO N.º 1.612/2007 IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JD PAULISTA CEP: 01405-001 - DEPTO DE COMPRAS - 8º ANDAR. Regime

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE JAGUARAÇU ESTADO DE MINAS GERAIS EDITAL DE LICITAÇÃO PÚBLICA

PREFEITURA MUNICIPAL DE JAGUARAÇU ESTADO DE MINAS GERAIS EDITAL DE LICITAÇÃO PÚBLICA EDITAL DE LICITAÇÃO PÚBLICA PROCESSO LICITATÓRIO Nº014/2014 MODALIDADE: CONCORRÊNCIA PÚBLICA Nº001/2014 TIPO: MAIOR OFERTA GABINETE DO PREFEITO DATA, HORÁRIO, E LOCAL DE RECEBIMENTO DAS PROPOSTAS: 11 de

Leia mais

INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF

INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF INSTRUÇÕES AOS PROPONENTES CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE SEGURANÇA E VIGILÂNCIA ARMADA PARA AS INSTALAÇÕES DO ONS EM BRASÍLIA/DF Ref: Aviso de Edital ADG nº 003/2014 publicado em 28/10/2014. 1 1. OBJETO A

Leia mais

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL - ADMINISTRAÇAO REGIONAL DE SANTA CATARINA SENAR-AR/SC

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL - ADMINISTRAÇAO REGIONAL DE SANTA CATARINA SENAR-AR/SC CARTA CONVITE N 008/2015 SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL - ADMINISTRAÇAO REGIONAL DE SANTA CATARINA SENAR-AR/SC 1 - Preâmbulo 1.1 - O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural - Administração Regional

Leia mais

Prefeitura Municipal de Floriano Peixoto 01.612.289/0001-62 Avenida Alfredo Joahnes Dücker - 99.910-000 - Floriano Peixoto/RS EDITAL DE LICITAÇÃO

Prefeitura Municipal de Floriano Peixoto 01.612.289/0001-62 Avenida Alfredo Joahnes Dücker - 99.910-000 - Floriano Peixoto/RS EDITAL DE LICITAÇÃO Prefeitura Municipal de Floriano Peixoto 01.612.289/0001-62 Avenida Alfredo Joahnes Dücker - 99.910-000 - Floriano Peixoto/RS EDITAL DE LICITAÇÃO Processo...: 8/2015 Modalidade.: Convite Número...: 6/2015

Leia mais

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DO ESTADO DE SANTA CATARINA

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DO ESTADO DE SANTA CATARINA CARTA CONVITE N 005/2015 SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL - ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DE SANTA CATARINA - SENAR-AR/SC Edital de Convite nº. 005/2015 1 - Preâmbulo 1.1 - O Serviço Nacional de Aprendizagem

Leia mais

CONVITE N.º 001/2007

CONVITE N.º 001/2007 CONVITE N.º 001/2007 A Companhia das Docas do Estado da Bahia - CODEBA, com observância da Lei n.º 8.666/93, de 21/6/1993, e demais disposições legais, convida essa empresa a participar de Licitação acima

Leia mais

FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE

FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE 2926- CNPJ: 13.959.466/1-6 Tel: 2732683178 Fax: 273268376 Site: Pregão Presencial Nº 6/214 LICITAÇÃO PARA AQUISIÇÃO DE MEDICAMENTOS PARA ATENDER A SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE POR UM PERÍODO DE DE (6)

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO Nº 10/2015 CREA-PI. Carta Convite n 08/2015

EDITAL DE LICITAÇÃO Nº 10/2015 CREA-PI. Carta Convite n 08/2015 EDITAL DE LICITAÇÃO Nº 10/2015 CREA-PI Carta Convite n 08/2015 O CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DO PIAUÍ - Crea-PI, por intermédio da Comissão de Licitação, designada pela Portaria n 034/2015,

Leia mais

PROCESSO Nº. 0009/2011 EDITAL FPTI Nº. 005/11 - REABERTURA MODALIDADE: TOMADA DE PREÇO TIPO: MELHOR TÉCNICA E PREÇO

PROCESSO Nº. 0009/2011 EDITAL FPTI Nº. 005/11 - REABERTURA MODALIDADE: TOMADA DE PREÇO TIPO: MELHOR TÉCNICA E PREÇO PROCESSO Nº. 0009/2011 EDITAL FPTI Nº. 005/11 - REABERTURA MODALIDADE: TOMADA DE PREÇO TIPO: MELHOR TÉCNICA E PREÇO OBJETO: Contratação de empresa especializada para Prestação de Serviços de suporte técnico,

Leia mais

2.01.1 Atenderem as condições e exigências estabelecidas neste CONVITE;

2.01.1 Atenderem as condições e exigências estabelecidas neste CONVITE; CONVITE Nº 009/2007 LICITAÇÃO PARA AQUISIÇÃO DE 63 (SESSENTA E TRÊS) LICENÇAS DO SISTEMA OPERACIONAL WINDOWS XP PROFESSIONAL-FULL VERSÃO EM PORTUGUÊS PARA ESTAÇÕES DE TRABALHO E 01(UMA) LICENÇA DE WINDOWS

Leia mais

FUNDAÇÃO DE APOIO À EDUCAÇÃO E DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO DE MINAS GERAIS CNPJ: 00.278.912/0001-20

FUNDAÇÃO DE APOIO À EDUCAÇÃO E DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO DE MINAS GERAIS CNPJ: 00.278.912/0001-20 EDITAL DE LICITAÇÃO N.º 04/07 MODALIDADE: CONVITE FORMA DE EXECUÇÃO: INDIRETA ENTREGA DO ENVELOPE ATÉ AS 17:00 HORAS DO DIA: 13/03/2007 DATA DA ABERTURA: 14/03/2007 OBJETO DA LICITAÇÃO: Plantio e fornecimento

Leia mais

CONVITE Nº. 001/2014

CONVITE Nº. 001/2014 CONVITE Nº. 001/2014 O CONSELHO REGIONAL DE ECONOMIA 4ª REGIÃO RIO GRANDE DO SUL, autarquia federal criada pela Lei 1.411/51, através de sua Comissão de Licitações, designada pela Ata nº 1412/2014, da

Leia mais

PREGÃO PRESENCIAL Nº 005/2013 PROCESSO SECOM Nº 0357/2012. Alterações e Normas complementares M I N U T A

PREGÃO PRESENCIAL Nº 005/2013 PROCESSO SECOM Nº 0357/2012. Alterações e Normas complementares M I N U T A IMPORTANTE: PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ PREENCHER O RECIBO DE RETIRADA DE EDITAL, CONSTANTE DO ANEXO I E DEVOLVER COM ATÉ 24 HS DE ANTECEDENCIA DO CERTAME PREGÃO PRESENCIAL Nº 005/2013

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO MODALIDADE CARTA CONVITE N.º 006/2006

EDITAL DE LICITAÇÃO MODALIDADE CARTA CONVITE N.º 006/2006 2 EDITAL DE LICITAÇÃO MODALIDADE CARTA CONVITE N.º 006/2006 TIPO: DATA DE ABERTURA HORÁRIO LOCAL MENOR PREÇO 04/12/2006 10 HORAS SALA DE REUNIÃO 1 - DO OBJETO DA LICITAÇÃO 1.1 A COMISSÃO PERMANNTE DE LICITAÇÃO

Leia mais

PROCESSO Nº. 0080/2011 EDITAL FPTI Nº. 021/2011 MODALIDADE: TOMADA DE PREÇOS TIPO: MENOR PREÇO GLOBAL

PROCESSO Nº. 0080/2011 EDITAL FPTI Nº. 021/2011 MODALIDADE: TOMADA DE PREÇOS TIPO: MENOR PREÇO GLOBAL PROCESSO Nº. 0080/2011 EDITAL FPTI Nº. 021/2011 MODALIDADE: TOMADA DE PREÇOS TIPO: MENOR PREÇO GLOBAL OBJETO: Aquisição de Condicionadores de Ar Springer Carrier, com instalação, de acordo com as Especificações

Leia mais

Projeto Fortalecimento dos Catadores e Catadoras e Ampliação da Coleta Seletiva no Grande ABC"

Projeto Fortalecimento dos Catadores e Catadoras e Ampliação da Coleta Seletiva no Grande ABC Prezados Senhores, Convidamos Vossa Senhoria a apresentar, na data e horário indicado, proposta alusiva a prestação de serviços de formação, conforme descrição indicada no presente edital. DATA DE RECEBIMENTO

Leia mais

Tomada de Preços n.º 006/2009

Tomada de Preços n.º 006/2009 Tomada de Preços n.º 006/2009 Procedimento Administrativo n.º 0802/2008 Modalidade: Tomada de Preços Tipo: Menor Preço Julgamento: por item Regime de execução: empreitada por preço global Objeto: Aquisição

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE IPIRANGA DO SUL Estado do Rio Grande do Sul Rua do Comércio, 124 IPIRANGA DO SUL RS EDITAL DE LICITAÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE IPIRANGA DO SUL Estado do Rio Grande do Sul Rua do Comércio, 124 IPIRANGA DO SUL RS EDITAL DE LICITAÇÃO EDITAL DE LICITAÇÃO Modalidade...: Tomada de Preços Número...: 008/2014 Número da Modalidade: 003/2014 Data de Abertura da Licitação...: 20/02/2014 Data de Abertura das Propostas..: 14/03/2014 Horário...:

Leia mais

PROCESSO Nº. 0016/2012 EDITAL FPTI Nº. 015/12 MODALIDADE: CONVITE TIPO: MENOR PREÇO GLOBAL

PROCESSO Nº. 0016/2012 EDITAL FPTI Nº. 015/12 MODALIDADE: CONVITE TIPO: MENOR PREÇO GLOBAL 85867-900 Foz do Iguaçu, PR Tel. (45) 3576-7200 Fax. (45) 3576-7199 www.pti.org.br PROCESSO Nº. 0016/2012 EDITAL FPTI Nº. 015/12 MODALIDADE: CONVITE TIPO: MENOR PREÇO GLOBAL OBJETO: Prestação de serviços

Leia mais

Município de Xangri-Lá Fone: (51) 3689-2400 www.xangrila.rs.gov.br

Município de Xangri-Lá Fone: (51) 3689-2400 www.xangrila.rs.gov.br EDITAL Nº 62/2012 PREGÃO ELETRÔNICO 34/2012 PROCESSO DE DESPESA: 2318/2012 (SEC. DE EDUCAÇÃO) PROCESSO DE LICITAÇÃO 2318/2012 PROCESSO DE COMPRA 45-12 ABERTURA: 29/03/2012 HORÁRIO: 15 horas O Prefeito

Leia mais

CONSELHO REGIONAL DE BIOLOGIA 3ª REGIÃO RS/SC

CONSELHO REGIONAL DE BIOLOGIA 3ª REGIÃO RS/SC CONSELHO REGIONAL DE BIOLOGIA 3ª REGIÃO CONVITE Nº 05/2013 SERVIÇOS DE ASSESSORIA CONTÁBIL O Conselho Regional de Biologia 3ª Região, através da Comissão Permanente de Licitações, convida V.S.a. a apresentar

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO - MODALIDADE CONVITE

EDITAL DE LICITAÇÃO - MODALIDADE CONVITE EDITAL DE LICITAÇÃO - MODALIDADE CONVITE PROCESSO nº 001/2014 CARTA CONVITE nº 001/2014 TIPO MENOR PREÇO POR ITEM A Presidenta da ASSOCIAÇÃO CASA DA MULHER CATARINA - CMC, mantenedora do Projeto: JORNALISTAS

Leia mais

PROCESSO SELETIVO Nº 014/2013

PROCESSO SELETIVO Nº 014/2013 PROCESSO SELETIVO Nº 014/2013 O Instituto de Gestão e Humanização IGH, torna público para conhecimento dos interessados, que fará realizar Processo Seletivo objetivando a Contratação de Empresa para a

Leia mais

PROCESSO Nº. 0064/2012 EDITAL FPTI-BR Nº. 021/12 MODALIDADE: CONVITE TIPO: MENOR PREÇO POR LOTE

PROCESSO Nº. 0064/2012 EDITAL FPTI-BR Nº. 021/12 MODALIDADE: CONVITE TIPO: MENOR PREÇO POR LOTE PROCESSO Nº. 0064/2012 EDITAL FPTI-BR Nº. 021/12 MODALIDADE: CONVITE TIPO: MENOR PREÇO POR LOTE OBJETO: Aquisição de Equipamentos de Rede Cisco, conforme estabelecido nas Especificações Técnicas (Anexo

Leia mais

PROCESSO Nº. 0141/2012 EDITAL FPTI-BR Nº. 074/12 MODALIDADE: CONCORRÊNCIA TIPO: EMPREITADA POR PREÇO GLOBAL

PROCESSO Nº. 0141/2012 EDITAL FPTI-BR Nº. 074/12 MODALIDADE: CONCORRÊNCIA TIPO: EMPREITADA POR PREÇO GLOBAL PROCESSO Nº. 0141/2012 EDITAL FPTI-BR Nº. 074/12 MODALIDADE: CONCORRÊNCIA TIPO: EMPREITADA POR PREÇO GLOBAL Versão 12/09/2012 OBJETO: Contratação de empresa para Execução das Obras de Construção da SAT

Leia mais

Contratação de Apólice de Seguro para Funcionários do Instituto Pensarte.

Contratação de Apólice de Seguro para Funcionários do Instituto Pensarte. COTAÇÃO DE PREÇOS Nº 018 /2014 - PC 0408 / 2014 Contratação de Apólice de Seguro para Funcionários do Instituto Pensarte. PUBLICAÇÃO: 23 de abril de 2014 ENTREGA E ABERTURA DAS PROPOSTAS Data: 30 de abril

Leia mais

ABERTURA DE CARTA CONVITE Nº 001/2014

ABERTURA DE CARTA CONVITE Nº 001/2014 ABERTURA DE CARTA CONVITE Nº 001/2014 O CONSELHO REGIONAL DE CORRETORES DE IMÓVEIS DO ESTADO DE SANTA CATARINA CRECI - 11ª REGIÃO/SC, através da Comissão de Julgamento de Licitação, comunica que, de acordo

Leia mais

Tomada de Preços n.º 015/2010

Tomada de Preços n.º 015/2010 Tomada de Preços n.º 015/2010 Procedimento Administrativo n.º 0848/2010 Modalidade: Tomada de Preços Tipo: Menor Preço Julgamento: global Regime de execução: empreitada por preço unitário Objeto: Contratação

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 01/2011

CARTA CONVITE Nº 01/2011 CARTA CONVITE Nº 01/2011 O CONSELHO REGIONAL DE FISIOTERAPIA E TERAPIA OCUPACIONAL DA 10ª REGIÃO CREFITO-10, Estado de Santa Catarina, através de sua Comissão Permanente de Licitação, designada pela Portaria

Leia mais

CARTA CONVITE FUnC 61/2012

CARTA CONVITE FUnC 61/2012 CARTA CONVITE FUnC 61/2012 A FUnC encaminha o presente formulário, para se houver interesse em participar do processo de fornecimento de venda de equipamentos conforme abaixo indicados para a unidade FUnC/CURITIBANOS

Leia mais

INSTRUMENTO CONVOCATÓRIO N o 012/2014

INSTRUMENTO CONVOCATÓRIO N o 012/2014 INSTRUMENTO CONVOCATÓRIO N o 012/2014 O Município de Três de Maio-RS, inscrito no CNPJ sob n o 87.612.800/0001-41, neste ato representado por seu Prefeito Municipal, Olívio José Casali, torna público pelo

Leia mais

EDITAL OBJETO: CABO GIGALAN CATEGORIA 6 U/UTP 23AWGX4PARES - VERMELHO EM CAIXA DE 305 METROS, CONFORME ESPECIFICAÇÃO TECNICA Nº 036/2009.

EDITAL OBJETO: CABO GIGALAN CATEGORIA 6 U/UTP 23AWGX4PARES - VERMELHO EM CAIXA DE 305 METROS, CONFORME ESPECIFICAÇÃO TECNICA Nº 036/2009. EDITAL A SÃO PAULO TRANSPORTE S.A. SPTrans, inscrita no CNPJ-MF sob o n.º 60.498.417/0001-58, comunica que se encontra aberta a licitação, EXCLUSIVAMENTE para participação de microempresas e empresas de

Leia mais

EDITAL N.º CONVITE N.º PROCESSO N.º 011/2011-CPL 009/2011 011/2011. PRAZO MÁXIMO PARA ENTREGA DOS ENVELOPES Até 17 de Outubro de 2011 Às 14:00 horas

EDITAL N.º CONVITE N.º PROCESSO N.º 011/2011-CPL 009/2011 011/2011. PRAZO MÁXIMO PARA ENTREGA DOS ENVELOPES Até 17 de Outubro de 2011 Às 14:00 horas EDITAL N.º CONVITE N.º PROCESSO N.º 011/2011-CPL 009/2011 011/2011 PRAZO MÁXIMO PARA ENTREGA DOS ENVELOPES Até 17 de Outubro de 2011 Às 14:00 horas ABERTURA DOS ENVELOPES DOCUMENTAÇÃO Dia 17 de Outubro

Leia mais

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DO ESTADO DE SANTA CATARINA

SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL ADMINISTRAÇÃO REGIONAL DO ESTADO DE SANTA CATARINA CARTA CONVITE N 003/2015 SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM RURAL - ADMINISTRAÇAO REGIONAL DE SANTA CATARINA - SENAR-AR/SC Edital de Convite n 003/2015 1 - Preâmbulo 1.1 - O Serviço Nacional de Aprendizagem

Leia mais

CONVITE n.º 6010004-01/2012

CONVITE n.º 6010004-01/2012 1 FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA - FATEC Cep: 97105-900 Prédio 66 - Campus/UFSM Santa Maria RS CONVITE n.º 6010004-01/2012 A FUNDAÇÃO DE APOIO À TECNOLOGIA E CIÊNCIA - FATEC, CNPJ n.º 89.252.431/0001-59,

Leia mais

CARTA CONVITE nº 001/2012

CARTA CONVITE nº 001/2012 UNIMED CUIABÁ COOPERATIVA DE TRABALHO MÉDICO CNPJ/MF nº 03.533.526/0001/88 UC-ComE/Of. 243/2012 Cuiabá/MT, 31 de agosto de 2012. CARTA CONVITE nº 001/2012 Prezado(s) Senhor(es), A UNIMED CUIABÁ tem o prazer

Leia mais

PROCESSO Nº. 0143/2011 EDITAL FPTI Nº. 042/11 COTAÇÃO PRÉVIA 004/2011 TIPO: MENOR PREÇO GLOBAL Nº. SICONV 756001/2011

PROCESSO Nº. 0143/2011 EDITAL FPTI Nº. 042/11 COTAÇÃO PRÉVIA 004/2011 TIPO: MENOR PREÇO GLOBAL Nº. SICONV 756001/2011 PROCESSO Nº. 0143/2011 EDITAL FPTI Nº. 042/11 COTAÇÃO PRÉVIA 004/2011 TIPO: MENOR PREÇO GLOBAL Nº. SICONV 756001/2011 A Fundação Parque Tecnológico Itaipu, entidade privada sem fins lucrativos. Inscrita

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO CONVITE

EDITAL DE LICITAÇÃO CONVITE EDITAL DE LICITAÇÃO CONVITE CONVITE Nº 006 / 2007 - DFEPAF ENCERRAMENTO E ABERTURA DAS PROPOSTAS: Dia 27 de novembro de 2007 às 10:00 horas. TIPO: Menor preço global 1. OBJETO DO CONVITE Constitui objeto

Leia mais

CONVITE Nº 008/2013 CPL/FMS/SMS/PMVR

CONVITE Nº 008/2013 CPL/FMS/SMS/PMVR CONVITE Nº 008/2013 CPL/FMS/SMS/PMVR O MUNICÍPIO DE VOLTA REDONDA/RJ, por intermédio da COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO do FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE da SECRETARIA MUNCIPAL DE SAÚDE/PMVR, atendendo requisitos

Leia mais

DEPARTAMENTO DE COMPRAS E LICITAÇÕES LICITAÇÃO MODALIDADE TOMADA DE PREÇOS MENOR PREÇO EDITAL Nº 001/2009 TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2009

DEPARTAMENTO DE COMPRAS E LICITAÇÕES LICITAÇÃO MODALIDADE TOMADA DE PREÇOS MENOR PREÇO EDITAL Nº 001/2009 TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2009 DEPARTAMENTO DE COMPRAS E LICITAÇÕES LICITAÇÃO MODALIDADE TOMADA DE PREÇOS MENOR PREÇO ORIGEM DA TOMADA DE PREÇOS: EDITAL Nº 001/2009 TOMADA DE PREÇOS Nº 001/2009 - PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº 2009.40.38.00182

Leia mais

EDITAL ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ÁGUAS SUBTERRÂNEAS - ABAS CONVITE Nº 006/2008

EDITAL ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ÁGUAS SUBTERRÂNEAS - ABAS CONVITE Nº 006/2008 EDITAL ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ÁGUAS SUBTERRÂNEAS - ABAS CONVITE Nº 006/2008 Ref.: Convênio n 001/2008: Convênio celebrado entre a Agência Nacional de Águas - ANA e Associação Brasileira de Águas Subterrâneas

Leia mais

Prefeitura Municipal de Antonina do Norte GOVERNO MUNICIPAL CNPJ n 07.594.500/0001-48 EDITAL CONVOCATÓRIO

Prefeitura Municipal de Antonina do Norte GOVERNO MUNICIPAL CNPJ n 07.594.500/0001-48 EDITAL CONVOCATÓRIO EDITAL CONVOCATÓRIO CONVITE Nº 2013.02.18.2 1.0 EDITAL 1.1 Órgão: SECRETARIA MUNICIPAL DE AÇÃO SOCIAL 1.2 Modalidade: CONVITE 1.3 Tipo de Licitação: Menor preço Global 1.4 Torna público para conhecimento

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 002/2014 PROCESSO N.º 002/2014

CARTA CONVITE Nº 002/2014 PROCESSO N.º 002/2014 CARTA CONVITE Nº 002/2014 PROCESSO N.º 002/2014 Regime Jurídico: Lei n.º 8.666/93, Alterações e normas complementares Tipo de Licitação: MENOR PREÇO Modalidade: CARTA CONVITE SESSÃO DE ABERTURA: Local:

Leia mais

CARTA DE RETIRADA DE ATO CONVOCATÓRIO DA LICITAÇÃO CONVITE N.º 155/2010 PROCESSO ADMINISTRATIVO N.º 2630/2010

CARTA DE RETIRADA DE ATO CONVOCATÓRIO DA LICITAÇÃO CONVITE N.º 155/2010 PROCESSO ADMINISTRATIVO N.º 2630/2010 1 CARTA DE RETIRADA DE ATO CONVOCATÓRIO DA LICITAÇÃO CONVITE N.º 155/2010 PROCESSO ADMINISTRATIVO N.º 2630/2010 Sr. Licitante, Visando comunicação futura entre à CPL e essa empresa, solicitamos que V.

Leia mais

CARTA CONVITE Nº 017/2014 UnC PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSTRUÇÃO CIVIL E AFINS CAMPUS CONCÓRDIA SC.

CARTA CONVITE Nº 017/2014 UnC PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSTRUÇÃO CIVIL E AFINS CAMPUS CONCÓRDIA SC. 1 CARTA CONVITE Nº 017/2014 UnC PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE CONSTRUÇÃO CIVIL E AFINS CAMPUS CONCÓRDIA SC. 1 - PREÂMBULO 1.1 - A Fundação Universidade do Contestado, através do seu Departamento de Compras,

Leia mais

EDITAL DE LEILÃO ITEM I DO FUNDAMENTO JURÍDICO.

EDITAL DE LEILÃO ITEM I DO FUNDAMENTO JURÍDICO. EDITAL DE LEILÃO LEILÃO PÚBLICO: Nº 01/2013 PROCESSO: 2013.1.4.91.4 EDITAL DE LEILÃO PARA VENDA DE ESTRUTURAS PORTA PALETES E PLATAFORMAS DE MDF INSERVÍVEIS PARA O SERVIÇO PÚBLICO O Prof. Dr. Plinio Martins

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Convite nº 081/2007 Fls.

PREFEITURA MUNICIPAL DE FRANCA Secretaria de Planejamento e Gestão Econômica Divisão de Licitações e Compras Convite nº 081/2007 Fls. Convite nº 081/2007 Fls. 1 CARTA CONVITE Processo nº 11784/05 Convite nº 081/2007 Entrega Envelopes até o dia: 15 de junho de 2007, às 14h00. Abertura Envelopes dia: 15 de junho de 2007, às 14h30. A COMISSÃO

Leia mais

SESSÃO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona 1200 7º andar Horário: 10:30 horas do dia 06 de Outubro de 2.009 M I N U T A

SESSÃO DE ABERTURA: Local: Rua Pamplona 1200 7º andar Horário: 10:30 horas do dia 06 de Outubro de 2.009 M I N U T A PARA PARTICIPAR DA LICITAÇÃO O INTERESSADO DEVERÁ RETIRAR O EDITAL SOB PROTOCOLO E COM ATÉ 3(TRES) DIAS DE ANTECEDÊNCIA DO CERTAME NA SEDE DO CONSELHO SITUADO À RUA PAMPLONA, 1200 JARDIM PAULISTA CEP 01405-001

Leia mais

CARTA CONVITE 006/2013

CARTA CONVITE 006/2013 CARTA CONVITE 006/2013 O CONSELHO REGIONAL DE ECONOMIA 6ª REGIÃO, autarquia federal criada pela Lei 1.411/51, representada pelo Presidente da Comissão de Licitação, designada pela Portaria nº 002/2013,

Leia mais

PROCESSO Nº. 0180/2013 EDITAL FPTI-BR Nº. 108/13 MODALIDADE: CONVITE TIPO: MENOR VALOR POR LOTE

PROCESSO Nº. 0180/2013 EDITAL FPTI-BR Nº. 108/13 MODALIDADE: CONVITE TIPO: MENOR VALOR POR LOTE PROCESSO Nº. 0180/2013 EDITAL FPTI-BR Nº. 108/13 MODALIDADE: CONVITE TIPO: MENOR VALOR POR LOTE OBJETO: Aquisição de Componentes para Servidores existentes no Parque Tecnológico Itaipu - Brasil, conforme

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COPASA MG CNPJ/MF 17.281.106/0001 03 Rua Mar de Espanha, 453 / Sto. Antônio Belo Horizonte (MG)

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COPASA MG CNPJ/MF 17.281.106/0001 03 Rua Mar de Espanha, 453 / Sto. Antônio Belo Horizonte (MG) COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS COPASA MG CNPJ/MF 17.281.106/0001 03 Rua Mar de Espanha, 453 / Sto. Antônio Belo Horizonte (MG) NORMAS DE CREDENCIAMENTO PARA INSTITUIÇÕES BANCÁRIAS 1. DA FINALIDADE

Leia mais

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA SECRETARIA MUNICIPAL DE GOVERNO COORDENADORIA-GERAL DE LICITAÇÕES ATENÇÃO

ESTADO DO RIO DE JANEIRO PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA SECRETARIA MUNICIPAL DE GOVERNO COORDENADORIA-GERAL DE LICITAÇÕES ATENÇÃO 1 ATENÇÃO As empresas interessadas em participar deste Convite, deverão passar um fax para a Coordenadoria Geral de Licitação (24) 3339-9038/3339-9071 ou email cgl@vr.rj.gov.br, confirmando a retirada

Leia mais

SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES. Órgãos: DEPARTAMENTO DE SAÚDE

SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES. Órgãos: DEPARTAMENTO DE SAÚDE EDITAL PREGÃO PRESENCIAL Nº 048/2009 PROCESSO ADMINISTRATIVO: 074/2009 SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÕES Órgãos: DEPARTAMENTO DE SAÚDE A Secretaria Municipal de Administração

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL MUNICÍPIO DE PORTO VERA CRUZ Av. Humaitá nº 672 Fone:0xx55 3613 9200/9150 CEP 98985 000 Porto Vera Cruz - RS

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL MUNICÍPIO DE PORTO VERA CRUZ Av. Humaitá nº 672 Fone:0xx55 3613 9200/9150 CEP 98985 000 Porto Vera Cruz - RS EDITAL DE TOMADA DE PREÇOS Nº 01/2015 Tomada de Preços visando à construção de uma ponte em concreto armado prémoldado sobre o Lajeado Tateto - PORTO VERA CRUZ A Prefeita de Porto Vera Cruz, Estado do

Leia mais

PROCESSADOR COM DESEMPENHO EQUIVALENTE OU SUPERIOR A INTEL CORE I5 3570 3.4GHZ 6MB LGA 1 I5 3570

PROCESSADOR COM DESEMPENHO EQUIVALENTE OU SUPERIOR A INTEL CORE I5 3570 3.4GHZ 6MB LGA 1 I5 3570 1 CARTA CONVITE Nº 001/2013 PROCESSO N.º 001/2013 Regime Jurídico: Lei n.º 8.666/93, Alterações e normas complementares Tipo de Licitação: MENOR PREÇO Modalidade: CARTA CONVITE SESSÃO DE ABERTURA: Local:

Leia mais

TERMO DE PARTICIPAÇÃO DA COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº0195/2014 PREÂMBULO

TERMO DE PARTICIPAÇÃO DA COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº0195/2014 PREÂMBULO TERMO DE PARTICIPAÇÃO DA COTAÇÃO ELETRÔNICA Nº0195/2014 PREÂMBULO Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por dispensa de licitação, nos termos do Decreto

Leia mais

ANEXO ÚNICO DO DECRETO Nº28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 PREÂMBULO

ANEXO ÚNICO DO DECRETO Nº28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 PREÂMBULO ANEXO ÚNICO DO DECRETO Nº28.397, DE 21 DE SETEMBRO DE 2006 TERMO DE PARTICIPAÇÃO Nº 2014-003 PREÂMBULO 1.Termo de Participação, via meio eletrônico, para a seleção da melhor proposta para aquisição por

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS - COPASA MG EDITAL DE CREDENCIAMENTO SPAL 03/2014

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS - COPASA MG EDITAL DE CREDENCIAMENTO SPAL 03/2014 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS - COPASA MG EDITAL DE CREDENCIAMENTO SPAL 03/2014 CAPÍTULO PRIMEIRO - DA FINALIDADE 1.1 A Companhia de Saneamento de Minas Gerais - COPASA MG, com endereço à Rua

Leia mais

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS - COPASA MG EDITAL DE CREDENCIAMENTO SPAL 01/2014

COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS - COPASA MG EDITAL DE CREDENCIAMENTO SPAL 01/2014 COMPANHIA DE SANEAMENTO DE MINAS GERAIS - COPASA MG EDITAL DE CREDENCIAMENTO SPAL 01/2014 CAPÍTULO PRIMEIRO - DA FINALIDADE 1.1 A Companhia de Saneamento de Minas Gerais - COPASA MG, com endereço à Rua

Leia mais

EDITAL. TOMADA DE PREÇO Nº 16/2015 PROCESSO n 33.000.000301.2015. DATA DA REALIZAÇÃO: 23 de novembro de 2015. HORÁRIO: 09:00 horas

EDITAL. TOMADA DE PREÇO Nº 16/2015 PROCESSO n 33.000.000301.2015. DATA DA REALIZAÇÃO: 23 de novembro de 2015. HORÁRIO: 09:00 horas EDITAL EDITAL DE TOMADA DE PREÇO PARA CONTRATAÇÃO DE SERVIÇO TÉCNICO PROFISSIONAL DE ASSESSORIA E CONSULTORIA DE GESTÃO E DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS, CONFORME DESCRITO NO TERMO DE REFERÊNCIA E PROJETO

Leia mais